Page 1

Edição nº 53/Bimestral Janeiro/2019

FLASH

Campinas

Moda

Tendências Verão na charmosa Rua Oscar Freire em São Paulo com Ana Oliveira

Viagem Crucero Andino


Capa: Ana Oliveira

WFS

COMUNICAÇÃO

Produção: WF da Silva Júnior Comunicação Publicidade, Propaganda e Editora. Campinas-SP

Coordenador: Ivan José Make: Rebeca Amorim Hair: Lisbete Rojo Aguinaldo Cabelos Cambuí Campinas

contato@revistaflashcampinas.com.br facebook.com/Revista-Flash-Campinas @revistaflashcampinas

Foto: Water Fernandes

Expediente Diretor de Criação

Walter Fernandes/Bacharel em Comunicação Social

Editor-Chefe

Diego Vivan/MTB 72.209

Jornalista

Ana Geremias/MTB 30.261

Redatora

Renata Gavioli/Bacharel em Comunicação Social

Comercial

M.L Representações

Instagram

@revistaflashcampinas

Canal Youtube

Revista Flash Campinas

Revista Eletrônica

revistaflashcampinas.com.br

ÍNDICE

06

Moda: Rua Oscar Freire

Confira books completos e fotos extras de todos editoriais de moda, shows, eventos, baladas nos álbuns de nossa revista digital no Facebook Distribuição Gratuita: Campinas bairros Cambuí, Gramado, Nova Campinas, Parque Prado, Barão Geraldo, Jd. Chapadão, Castelo, Guanabara, Botafogo, Holambra, São Paulo, Rio de Janeiro e Chile. Salas de espera em clínicas, consultórios, laboratórios, salões de beleza, restaurantes, entre outros. Exemplar Impresso.

Correção conforme novo acordo ortográfico de 2008. As opiniões expressas por autores ou entrevistados não refletem necessariamente a posição e opinião da Revista. É vedada a reprodução parcial ou total, os infratores estarão sujeitos a pena prevista por lei 9.610/1998. As reportagens assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores. Edição passiva a erros de digitação e impressão. As informações e imagens contidas nos anúncios publicitários, são de inteira responsabilidade dos anunciantes. Os direitos autorais desta obra pertencem a WFS Comunicação.

REVISTA DIGITAL Alcance Mensal: +100.000/mês número de pessoas Target: 81% Feminino 59% 25 a 44 anos

14

Moda: Flash Campinas na Patagônia

Revista Eletrônica nas Plataformas

16 Flash Society: Paralamas do Sucesso

Flash Viagens: Crucero Andino

32


Flash MODA


Modelo: Ana Oliveira Roupas, Sapatos, Bolsa e Óculos: @bypvstore Cenário: Rua Oscar Freire - São Paulo Coordenador de Produção: Ivan José / Aguinaldo Cabelos Cambuí Maquiagem: Rebeca Amorim / Aguinaldo Cabelos Cambuí Cabelo: Lisbete Rojo - Aguinaldo Cabelos Cambuí Assistente de Produção: Adriana Oliveira Direção e Fotos: Walter Fernandes


Por: Ana Geremias Jornalista e Influencer Digital

Flash MODA Ana Geremias A Chegada do Verão e os Looks Coloridos O verão é uma das estações do ano mais alegre e, com ela, vem os looks coloridos e estampas florais; animal print, listras, entre outras. Os tecidos leves para acompanhar o nosso clima tropical é o ponto alto. Enfim, essa é uma das estações do ano que mais amo. Essa é a melhor época do ano para trazer cor aos looks do dia a dia, com a possibilidade de usarmos menos roupas e deixarmos a pele amostra. Além de aposentarmos aqueles looks com cores neutras, que nos acompanham durante o ano todo. O verão é, ainda, a melhor época do ano para tirarmos do armário os vestidos mais leves. Aproveite que o visual mais romântico está em alta para abusar da feminilidade, com babados: uma das principais trends da estação e de tudo que traga movimento aos looks. As franjas são uma ótima opção, já que estão com tudo nessa estação e não acrescentam volume ao visual.

Linho O linho é um tecido natural e nobre que traz sofisticação e elegância, além de ser extremamente confortável e excelente opção para dias de altas temperaturas. E continua em alta; seu aspecto é mais pesado que o algodão, outro tecido natural e traz um estilo "amarrotado" super charmoso. Como o linho veio para ficar, o jeito é render-se aos seus encantos. Para o verão 2019, o tecido aparece principalmente em vestidos midi, calças e shorts, coletes, cropped macacões e macaquinhos, saias e vestidos, além de blazers. O linho aparece tanto em sua cor natural, como também em preto, branco, off-white, rosé, lavanda, azul clarinho e amarelo mostarda, além das estampas. Olha só a inspiração que escolhi: colete & shorts de linho estampado, com blusa branca por baixo, e uma sandália de salto alto.

Look: Loja Angela Segal Instagram: @angelas.segal.conf Sandália: Jorge Bischoff - Shopping Iguatemi Campinas Instagram: @jorgebischoffcampinas Acessórios: Finas Folhas Instagram: @finasfolhas_semijoias Local da foto: Hotel Vitória Convetion de Paulínia Instagram: @redevitoriahoteis @vitorinopaulinia

Viscose Os tecidos de viscose são leves, fluidos e fresquinhos, pois absorvem a umidade e a transpiração. Geram lindos e diversas possibilidades de looks. Uma das peças para sempre ter no closet é a saia longa, super fácil de montar looks, além dos vestidos longos e curtos. Dessa vez a inspiração foi um look com um vestido curto de viscose, com estampa colorida, sandália gladiadora e acessórios em pedra super delicados. Curtam o verão com roupas leves e bebam bastante água. Feliz 2019!!! Beijos e até a próxima edição. Pág. 10

Crepe Toda mulher tem um ou vários vestidos floridos no guardaroupa. Sem contar que o floral é realmente irresistível, além de super feminino, é prático, fácil de combinar em diferentes looks, pode ser usado em dias quentes ou dias frios, em diferentes ocasiões. Para quem pensa que estampas florais são sempre iguais, fica a dica para ficar atenta às mudanças. As flores que serão sucesso no verão com estampas lindas, que vão além do que estamos acostumados ver. Peças pintadas a mão, bordados de flores e mix de estampas florais estarão bem em alta na estação mais quente do ano. Por fim, o look escolhido foi o vestido de crepe estampado, com modelo ombro a ombro, decote e alça transpassada, sem contar o detalhe na saia do vestido envelope, com sandália de salto e acessórios delicados e leves.


Flash SOCIETY

Zeca Pagodinho apresentou sua turnê ” De Santo Amaro a Xerém ” no dia 10 de novembro na Red Eventos em Jaguariúna, com realização de GP Produções. O consagrado artista nasceu em Irajá, na década de 70, trabalhou como camelô, office-boy e anotador do jogo do bicho. Só no início dos anos 80, Pagodinho começa a se estabelecer como um versador de respeito. Em parceria com o flautista e partideiro Cláudio Camunguelo, teve sua primeira música gravada: “Amargura”. A faixa entrou no repertório do segundo disco do grupo Fundo de Quintal, fundado em 1977 e originário do Cacique de Ramos. A aproximação com o grupo acabou levando Zeca Pagodinho para perto de Beth Carvalho. Foi ela quem gravou seu primeiro sucesso: “Camarão que Dorme a Onda Leva”, que ganhou até clipe no Fantástico. A madrinha ainda gravou “Jiló com Pimenta” (Arlindo Cruz e Zeca). Depois foi a vez de Alcione registrar “Mutirão do Amor” (Zeca, Sombrinha e Jorge Aragão) no LP “Almas e Corações”, de 1983. O pagode, então, já se preparava para estourar no Brasil. A RGE lançou a coletânea “Raça Brasileira” (1985). Entre as canções de Zeca estavam “Mal de Amor”, “Garrafeiro”, “A Vaca” e “Bagaço da Laranja”. Foram 100 mil cópias vendidas.No ano seguinte 1986, o sambista estreava em disco solo, “Zeca Pagodinho”. Emplacou os sucessos “Coração em Desalinho”, “Quando Eu Contar (IáIá)”, “Judia de Mim” e “Brincadeira tem Hora”, atingindo a marca de um milhão de cópias vendidas. O sucesso do disco foi tanto que a música “Judia de Mim” foi incluída na trilha sonora da novela Hipertensão. “Deixa a Vida Me Levar” (2002) estabelece o artista como um dos grandes nomes da música brasileira. Ao todo foram mais de 20 discos na carreira, venceu 4 Grammys, além de vários prêmios como MTV Vídeo Music, Prêmio da Música Brasileira, Multishow, Contigo, Troféu Imprensa entre vários outros. Fotos Palco: Walter Fernandes Fotos Camarim: Gaveta

Cristiane Sacchi e Jurandir Sacchi

Walter Fernandes

(*) Fotos Palco: Walter Fernandes (**) Fotos Camarim: Gaveta


Flash na PATAGÔNIA


Modelo: @dany_mancillam Cenário: Puerto Varas e Puerto Montt Chile Roupas: Tienda MioTrapiel Puerto Montt Apoio: Ibis Hotel Puerto Montt Direção e Fotos: Walter Fernandes


Flash Society

Paralamas do Sucesso, J.Quest e Maneva na Red Eventos.

No dia 23 de novembro a Red Eventos em Jaguariúna, com realização de GP Produções, recebeu no palco Paralamas do Sucesso, J.Quest e Maneva. O Paralamas do Sucesso é uma das maiores bandas de rock nacional, teve início em 1982 e seus integrantes são Hebert Vianna (guitarra e vocal), Bi Ribeiro (baixista) e João Barone (bateria). Um dos diferenciais foi a mistura do rock com o reggae, agregando instrumentos de sopro e rítmos latino. Hebert Vianna era de Brasilia, mas veio estudar no Rio de Janeiro e reencontrou o amigo de infância Bi Ribeiro. No início Vital Dias era o baterista mas em uma apresentação na Universidade Rural do Rio ele faltou e João Barone assumiu a bateria, tornando assim o baterista da banda até os dias de hoje. João Barone é referência para diversos bateristas do mundo inteiro. Em Janeiro de 1983 o Paralamas abriam os shows do Lulu Santos no Circo Voador, essas apresentações chamaram a atenção da gravadora EMI, com quem assinaram contrato, surgindo a partir daí, uma das maiores referências da música brasileira. O sucesso do Paralamas na década de 80 e 90 foi tão grande, que a banda fez excursões em diversos países da América Latina e Ásia. Já venceram diversos prêmios Grammy Latino, MultiShow, Vídeo Music Brasil, Troféu Imprensa e Prêmio da Música Brasileira. Texto e Fotos: Walter Fernandes


Flash SOCIETY

Jota Quest é uma banda de pop rock formada em Belo Horizonte no ano de 1993, tiveram influências de acid jazz, black music, soul, funk, disco, a banda teve sua formação original pelo baixista PJ e o baterista Paulinho Fonseca, ingressaram depois o guitarrista Márcio Túlio Lara e o tecladista Márcio Buzelin. Rogério Flausino começou sua atuação na banda após ser escolhido num teste concorrendo com vários candidatos.

Fotos: Walter Fernandes

Em 1996, foram contratados pela Sony Music e gravaram o primeiro álbum J. Quest, que trouxe alguns singles de destaque, como a regravação de “As Dores do Mundo” e “Encontrar Alguém”. Em 2017, chegou às lojas de todo Brasil, o CD e DVD Acústico Jota Quest – Músicas Para Cantar Junto, gravado nos Estúdios Quanta em São Paulo e foi com esse show Acústico que o público presente na Red Eventos ouviu por diversas vezes Rogério Flausino se referir ao Paralamas do Sucesso como uma das maiores influências do J. Quest.

Renata Gavioli

Em um determinado momento no show, Rogério Flausino cantou sucessos do Paralamas em voz capela, homenageando assim “seus ídolos”. O grupo Maneva encerraram a noite com muito reggae.

Texto e Fotos: Walter Fernandes (*) Fotos no Camarim: Gaveta (**) Foto Maneva: Gaveta Walter Fernandes

Ana Oliveira


Flash MÚSICA Lutheria

Ateliê do Instrumento A palavra Luthier tem origem do francês de lutherie e significa Alaúde, em Portugal violeira de violaria, que é a arte da construção ou reparo de instrumentos de cordas e "Ateliê" onde é fabricado ou acontece os reparos e consertos dos instrumentos, todo esse trabalho é feito a mão. Em Portugal António Luciano, violeiro famoso da cidade do Porto e que hoje exporta para todos os continentes, ressalta ainda em usar o qualificado "violeiro", e não luthier. O certo é que a palavra Luthier é a mais aplicada introduzido inclusive no nosso dicionário. Em contrapartida, no Brasil a palavra "Violeiro" é empregada para designar o próprio tocador de um instrumento de cordas, principalmente a viola caipira de 10 cordas, guitarrista ao músico que toca guitarra, violonista ao que toca violão de 6 cordas e violinista aquele que toca violino, por isso a denominação Luthier ficou mais empregada ao artesão. Em vários países de língua espanhola o Mariachi é designado ao músico ou tocador do instrumento e a palavra Luthier prevalece ao artesão. Nesse mercado predominantemente exercido ao longo dos séculos por homens. Em Campinas duas mulheres se destacam na arte da lutheria, Eliane Pirelli e Patrícia Zullo, sócias do Ateliê do Instrumento no bairro Proença. Entrevistamos Eliane Pirelli, luthier responsável pelo Ateliê que nos conta um pouco mais dessa profissão tão lúdica. - Desde quando você exerce a profissão de Luthier? Como teve início? Desde 2008 e tudo começou porque eu e minha banda tivemos muita dificuldade de encontrar um profissional para mexer em nosso instrumentos.Desde então resolvi fazer um curso de luthieria para que eu mesma fizesse a manutenção de nossos instrumentos.A partir dai comecei a pegar também instrumentos de amigos para fazer reparos. A notícia se espalhou e então a luthieria acabou virando minha profissão. - Quais são as melhores fabricantes ( marcas ) de violão, viola e guitarra na sua opinião? Pág. 18

Eliane Pirelli ( a esquerda ) e Patrícia Zulo

Hoje existe muitas marcas e luthieres que fabricam, portanto existe muita coisa boa. Vou colocar aqui os meus favoritos. * Violão: martim modelo OMJM JOHN MAYER * Viola: As de luthier são sempre as melhores opções. * Guitarra: Music Maker - Qual instrumento ou serviço dá mais trabalho na lutheria? Cavaco,banjo e parte elétrica. - A mulher tem como característica principal ser mais detalhista e cuidadosa que o homem, esses detalhes fazem a diferença na lutheria na sua opinião? Sim! sem dúvida! O fato de sermos mulheres é o que mais nos ajudou a conquistar esse mercado. - Existem poucas musicistas mulheres no mercado, a profissão também é predominantemente masculina, na sua opinião por quê as mulheres não se interessam em aprender a tocar um instrumento de cordas e principalmente se profissionalizar? Se observarmos a história , a mulher foi muito reprimida, sendo assim, sua principal função por muito tempo foi a de cuidar da casa, gerar filhos e cuidar da família. E todas as outras coisas externas era função do homem, inclusive tocar um instrumento. Essa informação foi passada de geração em geração. Ainda nos dias de hoje são poucas as mulheres que tem a coragem de romper com esse paradigma. Tivemos bons exemplos de mulheres corajosas, a minha preferida é Inesita Barroso. - Não se faz mais instrumentos musicais como antigamente? É verdade isso? Por quê? Mito. Se faz sim, porém, se quiser ter um instrumento de qualidade, tem que pagar o preço. - A procura de reparos e restauração de instrumentos antigos crescem a cada dia? Instrumentos antigos são poucos os que passam por aqui, justamente pelo fato de ser raro. Aproveito para agradecer a todos que nos ajudaram a chegar até aqui, clientes, amigos e parceiros. Ateliê do Instrumento: Av Ayrton Senna da Silva, 571 - Proença - Campinas Fone: (19) 3203-9067 instagram @ateliedoinstrumento


Modelo: Ator Allan Freiman

Cenário: Praia de Grumari - Rio de Janeiro

Produção: Escola Oficina do Ator-RJ

Fotos: Jonatha Ferreira Direção: Fernando Ferraz


Flash TELEVISÃO Rio de Janeiro Natural do Rio de Janeiro o ator Fábio Tokay de 35 anos estreia seu primeiro personagem na televisão no horário nobre. Fábio começou sua carreira aos dezoito anos, quando atuou na primeira peça de teatro da igreja. O contato com o palco despertou seu interesse pela arte, que o fez aprimorar seus conhecimentos através de diversos cursos. Se tornou ator fixo da companhia de teatro Capa, participou de diversas peças, musicais com apresentações no Rio de Janeiro e em outros estados. O trabalho com a companhia foi a bagagem para que ganhasse prêmios e conquistasse seu espaço junto a um elenco de estrelas. Entre seus trabalhos de destaque, O Mágico de OZ foi um dos que marcou sua carreira, ele interpretava o leão, um personagem desafiante que levou Fábio a conquistar o prêmio de melhor ator no Festival de teatro do Rio em 2015. Um trabalho grandioso que circulou pelo Brasil. No ano de 2017 Tokay participou de um curso para atores na Casa Aguinaldo Silva de Artes. Em uma apresentação final, o ator interpretou Herculano no clássico Toda Nudez Será Castigada, sua interpretação chamou atenção do autor Aguinaldo Silva que o convidou para fazer parte do elenco da sua próxima novela na Rede Globo; O Sétimo Guardião. Há 18 anos no teatro o ator fala da diferença entre os dois veículos de atuação “ eu sempre fui do teatro, então me acostumei com uma atuação mais expressiva, com gestos maiores, e quando você vai para televisão você precisa enxugar, fazer mais contido para que tudo pareça mais natural” diz o ator. Estar a frente de um projeto tão grande como uma novela é um grande desafio diário para os atores como conta Fábio “ o maior desafio de um ator é se manter na carreira, você precisa estar sempre preparado, sempre estudando para fazer parte de um time de uma emissora”. Para se preparar para interpretar o personagem Jorge da novela O Sétimo Guardião o ator vem desenvolvendo um trabalho intenso de preparação com técnicas de atuação para a TV com o preparador Fernando Ferraz. Com uma rotina de gravação que varia de três a cinco vezes por semana, Fábio vive o grande sonho de estrear em uma novela do horário nobre e dividir o set com nomes renomados como Tony Ramos e Lília Cabral “ essa rotina é um sonho que eu não quero acordar” finaliza o ator. Fotos: Ana Martins Pág. 24


Flash ARTES Exposição Mariana Pereira sempre revelou um grande talento para as artes em geral, especialmente para as artes plásticas, no caso a pintura, nesta exposição traz seus trabalhos mais recentes. Pintar, desenhar, criar, trata-se de uma necessidade vital para o artista. O tempo se esgota, não basta. Como ela mesma diz: “A pintura é uma linguagem, uma forma de comunicação com o mundo a sua volta”. Mariana não realizou cursos de formação artística, é autodidata, suas pinturas não se enquadram em uma determinada escola ou corrente, mas poder-se-ia situá-las como sendo contemporâneas com influências impressionistas e expressionistas. Parte de suas obras da série raízes, cujo foco é a atmosfera familiar, casa, objetos, animais, estará exposta a partir de Janeiro no CAFÉ & ARTE, R: Maria Ferreira Antunes, 6 - Barão Geraldo. Suas telas, fruto de enorme criatividade, certamente produzirão no expectador sensação de intimidade, leveza, conforto, sem que haja a intenção de induzir a tais sentimentos. Sua visita ao local não será em vão. Vale a pena conferir! maridempereira

Foto: Silvia Beatriz M. Pereira


Flash MÚSICA Por: Diego Vivan

Guilherme & Benuto: Uma nova história Depois de dez anos de projeto no Villa Baggage, na qual também fazia parte a cantora Emy, os irmãos Gui e Nuto Artioli, começam a escrever um novo capítulo em suas carreiras. Agora, como dupla, Guilherme & Benuto irão seguir com todo o talento artístico que marcaram suas interpretações, carisma e composições. Gui e Nuto nasceram em Campinas, interior do Estado de São Paulo, e descobriram a música ainda criança. Gui começou a tocar sanfona aos nove anos. Nuto, que é formado em música erudita e já fez parte de cinco orquestras sinfônica, descobriu a paixão pelo violino aos 11 anos. Incentivados pelo pai, Gui e Nuto começaram a tocar chorinho, forró, samba e música instrumental em botecos e bares. Durante uma década de Villa Baggage, os irmãos participaram diretamente de todos os projetos gravados pelo trio, como o CD Abelha Sem Mel, o clipe da música "Abrindo o coração", o DVD "Do Nosso Jeito" – totalmente autoral – além do clipe da última música de trabalho, "Pijama de ursinho". Vale destacar também as faixas de sucesso: "Localização" que contou com a participação de Maiara & Maraisa, "Chorando na calçada", e "Abelha sem mel", com a participação de Henrique & Juliano. Como renomados compositores do meio sertanejo, eles escreveram sucessos que foram interpretados por grandes artistas: "Pergunta boba" (Jorge & Mateus), "Mel e limão" e "Arco íris preto e branco" (Jads & Jadson), "Com você" (Felipe Araújo), "Musa da praia" (Lucas Lucco), "Foi no bar perdeu o lugar" (Thaeme & Thiago), "Avisei na portaria", "Joga água na língua" e "Pensa bem" (Israel & Rodolffo), "Muito prazer e procura-se" (João Neto & Frederico), "Orgulho trouxa" e "Até Deus dúvida" (Guilherme & Santiago) e "Mel e limão" (Loubet) e "Varanda Por Janela" (Kleo Dibah). A última música gravada pelo cantor Cristiano Araújo, "Traição à queima roupa", também é de autoria dos irmãos. Essa música, aliás, ganharia um clipe, e seria a próxima música a ser trabalhada pelo artista, que dias depois morreu em um acidente automobilístico. Uma das grandes apostas da cantora Marília Mendonça, também é uma composição de Gui e Nuto, trata-se da faixa "Afrouxa essa gravata", que faz parte do DVD Todos os Cantos, que será lançada em breve. Pág. 28

Guilherme & Benuto começam a escrever uma nova história. Um novo momento, com um novo show. Mas, o mesmo sonho: De continuar cantando e apresentando lindas músicas aos fãs por onde passarem. Em dezembro de 2018 a dupla gravou, na cidade de Goiânia/GO, o primeiro DVD da carreira. Intitulado "Amanda, Bebendo e Sofrendo", o projeto, que será lançado no primeiro semestre de 2019, teve as participações especiais do cantor Jorge, e das duplas Israel & Rodolffo e Edson & Hudson.

Adriano Almeida divulga a segunda música do seu DVD No mês de novembro, o cantor Adriano Almeida divulgou, no Youtube, o clipe da segunda música do seu DVD "Da Minha Vida Pra Sua". Trata-se da faixa "Não era amor não", composição de Rob Tavares, Django, Montenegro, Renan Moura e Henrique Moura. Gravado no Sítio Lagoa Bonita na cidade de Engenheiro Coelho, interior do Estado de São Paulo, o primeiro DVD da carreira do artista contou com a produção musical de Shelly Moreira, e a direção de vídeo teve a direção da empresa Dezcarga. O projeto intimista reuniu seis canções ineditas e duas regravações. Natural da cidade de Goiânia/GO, considerada o berço da música sertaneja, Adriano Almeida passou toda a sua infância em Iporá, município do interior do Estado de Goiás. Depois, voltou para Goiânia, onde viveu sua adolescência, até mudar-se para o Rio de Janeiro/RJ onde foi estudar. Atualmente reside em São Paulo/SP.


Flash Gastronomia Patagônia

Os sanduíches na região da Patagônia possuem algumas características típicas e peculiares com seus ingredientes, formatos e sabores. A região consome muito guacamole, pasta a base de abacate, o chucrute devido a influência da colonização alemã, mas é a vagem o mais típico no tradicional Texto e Fotos ( via celular ): Walter Fernandes Chacarero. Segundo os nativos, os sanduíches são robustos que é para abastecer as necessidades calóricas do povo andino. Outro muito consumido é o Choripan, que é o hot dog local a base de linguiça.


Flash VIAGEM Crucero Andino

Fotos: Walter Fernandes Diretor de Criação Revista Flash Campinas

O Crucero Andino é a única travessia que navega pelo coração da Cordilheira dos Andes, conectando Puerto Varas no Chile a San Carlos de Bariloche na Argentina, a navegação acontece ida e volta. Uma viagem que pode ser feita em qualquer dia do ano, a qual é percorrido 3 lindos lagos andinos, que revelam paisagens montanhosas, únicas do setor mais colorido da Patagônia. A jornada requer um dia para chegar de um país para o outro, com opção para estender a dois dias ou mais, com hospedagens no meio do trajeto em Vila Peulla e Puerto Blest. Custo médio de U$D 280,00 - valor pode sofrer alteração conforme época do ano.


Making Of

O ensaio para nossa edição de janeiro aconteceu na charmosa Rua Oscar Freire em São Paulo, com a modelo Ana Oliveira, fotos e direção de Walter Fernandes. Nosso editorial Moda Rio foi realizado em parceria com a Escola Oficina do Ator. E na Patagônia a modelo Danielle Mancillam posou para nosso diretor Walter Fernandes, em ensaios que você conferiu nas edições de setembro e novembro/2018 e que se encerra nessa edição.


Revista Flash Campinas Edição 53  

Edição janeiro/2019

Revista Flash Campinas Edição 53  

Edição janeiro/2019

Advertisement