{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

1

Deguste | Janeiro | 2020


Deguste | Janeiro | 2020

2


3

Deguste | Janeiro | 2020


Deguste

Espaço do Leitor Deguste, segundo o dicionário Aurélio, proveniente do “verbo degustar, objeto transitivo direto, com significado de experimentar com atenção e deleite o sabor de; saborear, provar; apreciar com suavidade, atenção e delícia”. É isso que temos quando nos deparamos com as edições dessa revista, referência em culinária no nosso Rio Grande do Norte. Bruno Pereira de Medeiros - Servidor Público Federal Ponta Negra - Natal/RN

GASTRONOMIA

Dezembro de 2019 - ano 15 - edição 173

8

A comida peruana do Kausai, na Praia de Pipa

Textos bem feitos, fotos maravilhosas e uma diagramação moderna. Tudo isso junto só pode resultar em uma revista de ótima qualidade, que é a Deguste. Todos os meses, eu pego logo o meu exemplar. Patrícia Gomes Amorim - Executiva Morro Branco - Natal/RN Gosto muito de ler a revista Deguste todos os meses. Somente assim eu fico por dentro das principais notícias da gastronomia de Natal. Carlos Eduardo do Nascimento - Empresário Petrópolis - Natal/RN

15

Tempero da Zefinha completa 4 anos, em Tabatinga

Leitor premiado

18

A boa gastronomia da Vila das Flores, em Pium

11 Camurupim Parque tem maior estrutura do litoral sul do RN 12 Tabatinga Beach Hotel é boa opção de day use

16 Paçoca de Pilão comemora 30 anos na Praia de Pirangi 17 Barramares é ponto tradicional de turistas em Cotovelo 20 Naf Naf é tradição na Praia de Jacumã

22 Restaurante Balica renova cardápio em São Miguel do Gostoso 24 Os 10 anos do Tao Paradise Day Use

Adoro a revista Deguste, uma excelente referência gastronômica para a nossa família. Inclusive, fiz um curso de vinhos recentemente por indicação da revista. Mônica Louise Barros de Oliveira Braga - Dentista Ponta Negra- Natal/RN

26 O sucesso do Natal Fest Gourmet

28 Camarões abre unidade exclusiva para delivery Seções

05 Pelos Restaurantes 32 Papo Café 38 Opinião 45 Saberes do Vinho

Deguste | Janeiro | 2020

Nossa Capa

Capa: Ceviche Tropical, doTao Paradise

A dentista Mônica Louise Barros de Oliveira Braga foi escolhida a Leitora do Mês e recebeu do consultor Ênio Rodrigues, do Magazzino Vinhos & Cozinha, patrocinador desta secção, o vinho chileno Single Estate safra 2018, da região do D.O. Central Valley, feito pela Casas Del Toqui.

Foto: Benício Siqueira

4


Pelos Restaurantes...

Adega Perlage Luís Benício Tavares Siqueira tbenicio@uol.com.br

A Adega Perlage inaugurou, em dezembro, um espaço que serve tanto para armazenagem das bebidas como para eventos. Batizado de Adega, o novo ambiente fica em frente à loja, na Torre 2 do Centro Empresarial HC Plaza, no bairro de Lagoa Nova. Para apresentar a novidade, o casal Simone e Abdo Farret recebeu convidados com degustação aberta de vinhos e espumantes. O happy hour contou também com uma mesa preparada pela Platter for You com destaque para os petit fours salgados do Buffet do Spaço Guinza e com os queijos Ilha Bela e Vale Verde da Fazenda Caju. O encontro, ainda, contou com a participação da Queijeira 504, que levou degustação de queijos de fabricações próprias, além dos elaborados Parmesão Goa, Huviruí Cerro e Canastra do Mauro. A Adega é climatizada 24h por dia e comporta 3.500 garrafas. “Senti a necessidade de ampliar para receber os clientes com maior comodidade e armazenar uma quantidade maior de vinhos”, contou Simone, ao destacar que a sala poderá locar eventos diversos. A estrutura acomoda até 12 pessoas sentadas em torno da mesa e até 20 pessoas em auditório ou coquetel. Os clientes podem contratar serviços de alimentação e de bebidas alcoólicas e não alcoólicas.

inaugura sala de eventos FOTOS ROGÉRIO VITAL

Gerlândia Morais, Simone Farret e Maria Antônia

5

Deguste | Janeiro | 2020


Da Redação

2020 de esperança!

Pelo quarto ano consecutivo, a DEGUSTE começa o mês de janeiro com uma matéria especial que foca bares e restaurantes do litoral potiguar. É uma oportunidade ótima para dar visibilidade a alguns endereços que brilham ainda mais na época de veraneio. É um momento de especial encanto para os leitores da revista que gostam de dicas gastronômicas nas muitas praias que nós temos no Estado. Além do roteiro de praias, há, ainda, notícias de algumas novidades que estão sendo inauguradas nos mercados tradicionais da nossa gastronomia. Na Rua Rodrigues Alves, em Petrópolis, foi inaugurado o Le Paradis Du Café, um bistrô/cafeteria de belíssima decoração que visa oferecer receitas da culinária francesa. Outra novidade ali nas imediações, no mesmo bairro, é o novo Restaurante Riza, do chef Jonatã Canela, muito respeitado no mercado natalense.

A proposta é trabalhar a culinária brasileira. leia, também, as matérias dos dois festivais que aconteceram no mês de dezembro. O Natal Fest Gourmet, na Praça Cívica de Natal, e o Festival Gastronômico Sabores da Pipa. Que em 2020 a esperança seja um insumo presente em todos os cardápios do mercado gastronômico do Rio Grande do Norte e que esse sentimento transborde para toda a economia potiguar. Feliz 2020!

Washington Rodrigues Diretor de Redação

Luís Benicio T. Siqueira Diretor Executivo

Av. Jaguarari, 4990, Lj 28 - Lagoa Nova - Natal/RN - CEP 59054-500 - Fone: (84) 3234.5566 www.revistadeguste.com - Twitter: @revistadeguste - Facebook: Revista Deguste - Instagram: @revistadeguste Diretor Executivo Luís Benício Tavares Siqueira (84) 99174-5676 benicio@revistadeguste.com

Diretor de Redação Washington Rodrigues (84) 99904-9683 wrrodriguescom@yahoo.com.br Jornalista Isabela Santos isabela.jorn@gmail.com

Deguste | Janeiro | 2020

Diretor de Arte Edílson Martins de Araújo edilson.martins1@gmail.com

Comercial (comercial@revistadeguste.com) Nilton Baresi (84) 99607-6810 nilton@revistadeguste.com

Nicolas Rombotis (84) 99907-6444 nicolas@revistadeguste.com

Redação redacao@revistadeguste.com Revisão Rejane Souza

Fotografia Rogério Vital vitalrogerio1@gmail.com Colaboradores Arthur Coelho Gilvan Passos Ricardo Sousa

Revista Deguste Gastronomia e Turismo é uma publicação mensal da Deguste Comunicação, Assessoria e Marketing Ltda. Tiragem 5 mil exemplares

6


7

Deguste | Janeiro | 2020


A comida peruana do

Kausai A experiência de seis anos trabalhando em restaurantes em Andorra, pequeno país da Europa, situado entre a França e a Espanha, nas montanhas dos Pireneus, moldou definitivamente a vida profissional da chef Luciana Galvão, dona do Kausai Cevicheria, na praia de Pipa. Nativa de Tibau do Sul, Luciana começou a cozinhar ainda adolescente, passando por vários restaurantes da cidade, inclusive o Camamo, do chef Tadeu Lubambo, onde ficou por cerca de quatro anos. De sua vivência na Europa, onde chegou a ser subchef no restaurante do Carlton Plaza Hotel

Kausai é uma ótima opção gastronômica em Pipa

A chef Luciana Galvão trabalhou seis anos na Europa

Deguste | Setembro | 2019

8


Andorra la Vella, Luciana trouxe a exigente disciplina da cozinha, fundamental para o sucesso de um bom restaurante, além das técnicas modernas para dar suporte no preparo dos pratos. Funcionando desde novembro de 2017 na Villa Kanto da Pipa, o Kausai é um restaurante de culinária peruana, que tem como carro chefe os ceviches, servidos em sete opções: peixe branco (feito com leite de tigre, cebola e coentro), atum, misto (peixe branco, camarão e lula), polvo teriyaki, camarão, peixe quente clássico, manga verde e misto de lá casa (manga, tangerina, gengibre, cebola roxa e coentro). Antes de abrir o Kausai, a chef tinha um restaurante em Tibau do Sul, o Mesclum Gourmet, de cozinha contemporânea. A ideia de abrir o Kausai surgiu depois que ela começou a servir o ceviche no Mesclum. Como a aceitação dos clientes foi imediata, principalmente entre os estrangeiros, Luciana aproveitou uma oportunidade e foi para Pipa, fechando o restaurante na sua cidade. Para abrir o Kausai, a chef estudou muito sobre a culinária peruana, bastante valorizada no mundo inteiro. "Fiz muitas pesquisas e experiências para chegar ao cardápio que eu trabalho hoje", conta Luciana, que ganhou, em 2018, o Festival Gastronômico da Pipa, na categoria Entrada, com o prato Tiradito Nikkei de Peixe Branco. "Foi uma emoção muito grande". Em maio de 2019, Luciana viajou ao Peru, por 11 dias, para conhecer a essência da culinária que ela abraçou para trabalhar profissionalmente. Ela aproveitou e fez, inclusive, um curso de ceviche na histórica cidade de Cusco. "Essa viagem foi muito importante, porque eu conheci de perto a comida que eu faço no meu restaurante". A cozinha do Kausai é muito saborosa e carregada de texturas variadas e muitas cores, deixando os pratos mais bonitos e apetitosos. Além dos ceviches, o cardápio brinda os clientes com ótimas opções, como a causa limeña, combinados, tiraditos nikkei, poke havaiano, chicharron misto com molho picante, papa la huancaina (batatas cozidas com molho aji), choras la chalaca, polvo com salsa criolla, além de outros pratos surpreendentes. A decoração do restaurante tem elementos e cores do artesanato peruano, criando uma atmosfera típica de uma casa andina. Dividido em dois ambientes, as pessoas podem se acomodar em uma área fechada ou em um charmoso espaço externo. A boa cozinha do Kausai já começa a “correr” de boca em boca pelo público mais gourmet, que frequenta a praia de Pipa. "O meu público divide-se entre as pessoas que moram ou frequentam Pipa regularmente, e aqueles que vêm pela primeira vez e que não abrem mão de comer bem, afirma Luciana, toda orgulhosa. Kausai Cevicheria & Cia

Polvo com salsa criolla

Tradicional Causa Limeña

Tiradito nikkei de de peixe branco

Av. Baía dos Golfinhos, 234 - Villa Kanto da Pipa Pipa - Tibau do Sul/RN Fone: (84) 99489-7048 @kausaicevicheriacia kausai cevicheria & cia

Restaurante tem dois ambientes bem agradáveis

9

Deguste | Janeiro | 2020


A caranguejada é servida somente nos finais de semana FOTOS ROGÉRIO VITAL

Crostini de queijo coalho ao sugo

Ponta do

Pirambu

Ponta do Piranbu é uma das melhores opções de lazer do litoral sul

Costelinha de porco ao BBQ de Goiabada

Com a expectativa de receber um grande público nesta alta estação, o cardápio da Ponta do Pirambu ganhou novos pratos, entre petiscos, entradas, principais e sobremesa. Merecem destaque o Atum do chef, a Costelinha de porco ao BBQ de goiabada, pasteis de camarão e caranguejo, aneis de cebola, casquinha de caranguejo, crostini ao pomodoro e o queijo coalho à la Itália. Outra novidade é a caranguejada feita no leite de coco, servida apenas nos finais de semana. Funcionando há 15 anos, a Ponta do Pirambu Day Use acomoda até 100 pessoas simultaneamente e, na alta estação, opera de domingo a domingo, das 9h às 17h. Para entrar, a pessoa paga uma taxa de R$ 40 para uso da piscina, não convertida em consumo.

contrata chef para fazer consultoria

A necessidade de melhor qualificar a equipe da cozinha levou o chef Walter Dantas a prestar um serviço de consultoria à Ponta do Pirambu Day Use, local paradisíaco distante apenas 90 km de Natal, em Tibau do Sul, e próximo à Praia de Pipa. Dantas explica que a consultoria focou na organização das estações de trabalho, na aplicação de diversos controles, na divisão das tarefas, em uma melhor apresentação e montagem dos pratos, e na introdução de novas opções para o cardápio, em parceria com o chef da casa, Lucivaldo Galvão, que assina o menu. O empresário Frederico Wagner, que toca o negócio ao lado da esposa, Graziella Wagner, destaca a importância da consultoria que, além de identificar eventuais erros operacionais, serve também para motivar a equipe, que assimilou muito bem o trabalho de Walter Dantas. "Ficamos muito satisfeitos com o resultado da consultoria e com a disposição do nosso pessoal em querer aprender e melhorar cada vez mais", disse Frederico. Deguste | Janeiro | 2020

Frederico e Graziela Wagner, ao lado dos chefs Lucivaldo Galvão e Walter Dantas

10

Ponta do Pirambu Day Use Rua Praia de Pirambu, 250 Tibau do Sul/RN Fones: (84) 3246-4333 / 99924-2146 @pontadopirambudayuse


Camurupim Parque tem cozinha artesanal

A gastronomia do Camurupim Parque se soma às piscinas, brinquedos e praia com piscinas naturais como item chave para atrair clientes. Petiscos, refeições variadas, sobremesas e uma carta de cervejas, com 30 rótulos mais opções artesanais e chopp, estão no longo menu. Especializada em frutos do mar, a cozinha prepara suas receitas de forma artesanal. “Uso semanalmente de 250 a 300 cocos secos para extrair o leite puro”, conta o proprietário, Jairo Carlos Góis. O carro-chefe, de acordo com Jairo, é o peixe ao molho de camarão, que serve três pessoas. Entre os petiscos, o caranguejo é sucesso absoluto. Pratos tradicionais como carne de sol, paçoca e moquecas marcam presença. Maior estrutura do litoral sul à beira-mar, o parque ganhou o nome da praia (Camurupim Parque) quando Jairo Carlos Góis e a esposa, Aniuska Coutinho, assumiram a administração da empresa familiar, há dois anos. Da empresa Serv Clube, antes chamado de Serv Clube Praia, o espaço já possui 10 anos. Tem a parceria de agências receptivas de turismo e capacidade para receber mais de mil pessoas. A entrada e o estacionamento no parque são gratuitos e

O parque é sempre uma atração para as crianças

Jairo Carlos Góis e a esposa, Aniuska Coutinho

a pulseira de acesso às piscinas custa R$ 40. Abre todos os dias, das 10h às 16h, desligando os brinquedos às 15h. A empresa espera inaugurar a pousada Reserva Camurupim, em prédio anexo, na Camurupim Parque segunda quinzena Avenida Beira Mar de feveriro, Praia de Camurupim - Nísia Floresta/RN Fone: (84) 98101-1313 inicialmente com @camurupim_parque sete quartos. 11

Deguste | Janeiro | 2020


Tabatinga Beach Hotel

é boa opção de day use no litoral sul FOTOS ROGÉRIO VITAL

Maria Robélia Duarte e Kay Garred com o chef Antônio Luiz

Peixe à bele

Deguste | Janeiro | 2020

12

Inaugurado no final de novembro, o Tabatinga Beach Hotel, no Litoral Sul, oferece day use com acesso a jardim com piscina, mesas e guarda-sol na praia e serviço de bar e restaurante. A entrada, a consultar, é revertida em consumo. Na opinião do chef Antônio Luiz, o cardápio, que é cheio de petiscos, pratos individuais ou para dois, e refeições para até cinco pessoas, reúne opções de barraca de praia, de restaurante simples e de bistrô. Os destaques vão para os frutos do mar e peixes. Uma boa pedida é o Peixe à bele, servido ao molho de camarão. Acompanha arroz piamontese e salada com molho da casa. Excepcionalmente em janeiro e até o Carnaval, o restaurante abre o café da manhã também para não hóspedes, ao custo de R$ 15. À frente do negócio estão o norueguês Kay Garred e a potiguar Maria Robélia Duarte. Para ele, que há sete anos vem ao Rio Grande do Norte e há dois se mudou definitivamente para se casar com Maria, as maiores atrações do negócio são “a bela natureza ao redor, a brisa do mar e o ambiente de tranquilidade”. “Tabatinga é uma ótima praia. Não tem poluição sonora, é tranquila e estamos pertinho do começo das piscinas naturais, que oferecem um


Os clientes do hotel podem relaxar na praia durante o dia

Ambiente clean combina com a hospitalidade de praia

banho super seguro”, completa a potiguar. O hotel foi inaugurado com cinco amplos e arejados quartos, todos com varanda e redes, mas até o final de janeiro terá os 10 leitos prontos para receber os hóspedes. Na decoração sóbria predominam o azul claro e os tons naturais, de madeira e algodão. Em cada canto se encontra um detalhe em macramê. O belo e cuidado jardim também pode ser locado para casamentos e eventos em geral com até 150 pessoas. Tabatinga Beach Hotel Avenida Beira Mar, 220 Nísia Floresta - RN Fone: (84) 99611-0026 @tabatinga_bh www.tabatingabeachhotel.com

O hotel tem quartos com linda vista para a praia

13

Deguste | Janeiro | 2020


É verão! É Canário de Camurupim

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Canário sertanejo: carne de sol, queijo coalho, macaxeira e mel de abelha

Canário Praiano, um dos novos pratos do Canário

Deni Macêdo e a mãe, Ivone, donas do Canário

A viagem de Natal até a praia de Camurupim para visitar o Bar e Restaurante do Canário representa uma grande aventura de verão! O trajeto de aproximadamente 30 km cruza Ponta Negra, Cotovelo, Pirangi do Norte, Pirangi do Sul, Búzios e Tabatinga. Cenário de cinema! O Canário é, provavelmente, um dos mais antigos restaurantes de beiramar do litoral sul da Grande Natal. Funciona há mais de 40 anos em um local da praia beneficiado pela bela estética do recorte do mar e pela possibilidade do mágico banho nas piscinas naturais de águas mornas o ano todo. O restaurante foi criado pelo pescador João Manoel de Macêdo e pela comerciante Ivone Barros Macêdo. Mas quem toca o dia a dia da casa são as filhas deles, as irmãs Deni de Barros Macêdo, que é administradora, e a pedagoga Deise Macêdo do Nascimento. Apesar do fluxo grande de clientes ser no período de veraneio e férias escolares, o restaurante abre o ano todo – todos os dias. O cardápio é extenso, com 68 opções de pratos entre caranguejo, camarão, ostra e peixes. Os insumos são adquiridos de fornecedores de Nísia Floresta ou de lojas especializadas em Natal. Deguste | Janeiro | 2020

14

Belíssima paisagem em Camurupim

Bar e Restaurante do Canário Av. Monsenhor Antônio Barros, 01 Praia de Camurupim - Nisia Floresta/RN Fones: (84) 98158-0352 / 98113-4630 @RestCanario E-mail: restcanario10@yahoo.com.br Aceitamos cartões


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Filé de peixe com legumes salteados

Tempero da Zefinha Espaguete com camarão

completa 04 anos em Tabatinga

O restaurante Tempero da Zefinha, um dos endereços gastronômicos de maior sucesso no litoral sul da Grande Natal, completou quatro anos de funcionamento no mês de dezembro passado, coroando a ousadia do servidor público Jory Trigueiro e da psicóloga Eloina Fonseca, casal que transformou uma singela casa de pescadores em um dos lugares mais charmosos e badalados dos últimos três verões. O restaurante funciona apenas sob reserva e tem no estilo pé na areia o seu maior charme, aumentando ainda mais o prazer da degustação do cardápio à base de frutos do mar, criado pela chef de cozinha Larhissa Gurgel Trigueiro. Há 16 opções entre petiscos e pratos principais, servidos em mesas de madeira colocadas estrategicamente de frente para o mar. A base do cardápio são o camarão, o polvo, o peixe e o caranguejo. O nome do restaurante remonta à lenda de uma pescadora do passado que, conforme o relato local, era a única mulher que ia ao mar nos barcos onde só os homens tinham coragem. Quando voltava com a pesca farta, ela reunia a comunidade e realizava um escambo de produtos e frutos do mar. Nessas ocasiões, era servida uma moqueca. “De todas as moquecas da comunidade, nenhuma tinha o tempero tão bom quanto o da Zefinha”, conta Jory Tempero da Zefinha Trigueiro, que comprou a Rua Barra de Tabatinga, 08 antiga casa da Zefinha e se Nísia Floresta/RN Fone: (84) 99666-2285 inspirou na história dela @temperodazefinha para batizar o restaurante.

Eloina Fonseca administra o restaurante com Jory Trigueiro

Linguine negro com camarões em molho rústico

15

Deguste | Janeiro | 2020


Paçoca

de Pilão

completa 30 anos no verão de 2020

Dona Adalva é uma das chefs mais conhecidas do RN

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Casadinha de camarão com queijo coalho e mel

Culinária regional com sabor inesquecível

A marca gastronômica mais famosa do verão do litoral sul da Grande Natal completa 30 anos, agora, em 2020. Ícone na gastronomia regional, o restaurante Paçoca de Pilão é o símbolo de uma das regiões mais valorizadas do setor imobiliário do Rio Grande do Norte, a Avenida Deputado Márcio Marinho, a principal via da Praia de Pirangi do Norte, em Parnamirim. O Paçoca de Pilão tem este nome por causa da

genuína paçoca, que é feita artesanalmente no pilão de madeira e, por isso, tem um sabor bastante representativo da culinária potiguar. O dono do restaurante é o professor Giovani Rodrigues, herdeiro da simpatia de uma das mais renomadas chefs de cozinha do Estado, dona Adalva Rodrigues, personagem conhecida dos festivais gastronômicos do Estado. Neste mês de janeiro, por causa da alta estação turística, a casa abre todos os dias, sendo ponto de encontro de veranistas e de turistas, que passam pela principal praia da região. Todos os dias deste mês haverá opção de sushi com o chef Maykon. Nas quartasfeiras, a culinária italiana será prestigiada com cardápio do chef Paolo Passariello, do Restaurante Gennari. E, nas quintasfeiras, quem vai comandar a cozinha são os jovens Gabriel Rodrigues, neto de dona Adalva, e João Helder. Além da Paçoça, da carne de sol, da macaxeira, do pirão, do feijão verde e do arroz de leite, pratos típicos da casa, o camarão tem Paçoca de Pilão sido um dos Av. Deputado Márcio Marinho, 5708 itens mais Pirangi do Norte - Parnamirim/RN Fone: (84) 3238-2088 divulgados @res.pacocadepilao A família comemora 30 anos da marca Paçoca de Pilão neste verão de 2020 no cardápio.

Deguste | Janeiro | 2020 16


Barramares

é a porta de entrada do verão no litoral Sul

Se o veraneio no litoral Sul da Grande Natal tivesse uma porta de entrada, sem dúvida, ela seria o Barramares, tamanha é a relação da imagem do restaurante com uma das paisagens mais marcantes do verão potiguar: a praia de Cotovelo. O Barramares está situado estrategicamente na primeira grande paisagem que o veranista do litoral sul tem quando inicia a viagem entre Natal e as praias que recortam o corredor turístico formado por Ponta Negra, Cotovelo, Pirangi, Búzios, Tabatinga, Camurupim e Barreta. Ao sair de Natal e entrar na Rota do Sol, a primeira visão do mar que o viajante encontra, após alguns quilômetros de asfalto, é a praia de Cotovelo e, nela, a estrutura convidativa do Barramares. O restaurante abre todos os dias, o ano inteiro, a partir das 9h, tem cadeiras e mesas de frente para a areia, paisagem favorável para acomodar famílias inteiras, estrutura para refeições com conforto e cardápio focado nos frutos do mar. Uma porta de entrada para o verão.

Caranguejo é o produto símbolo do restaurante

Drinks saborosos e coloridos combinam com o verão

17

Barramares Bar e Restaurante Avenida Praia de Cotovelo Praia de Cotovelo - Parnamirim/RN Fone: (84) 3237-2131 @restaurantebarramares

Deguste | Janeiro | 2020


Vila das Flores das artes e da gastronomia em Pium

Um espaço de arte e gastronomia chama a atenção de quem passa pela Avenida Joaquim Patrício, a principal de Pium. Na pequena Vila das Flores, que abriga ateliê, loja sem vendedor, espaço terapêutico e ainda algumas residências, é possível fazer um passeio pela culinária brasileira e internacional. Uma característica comum a todos os restaurantes, de acordo com a proprietária da Vila, Simone Amorim, é que os próprios donos são os chefes em seus restaurantes. Ela destaca, ainda, a energia agradável, de conforto e descontração, que é percebida logo ao entrar no local. “Ao chegar em Pium, você já percebe a mudança do clima. Quando a gente atravessa a Barreira do Inferno parece que chegamos ao céu”, brinca a empresária. “São apenas cinco quilômetros de Ponta Negra. É tão perto de Natal, mas tudo muda em Pium: as luzes, o ar fresco, mais natureza, menos asfalto”, completa. A Vila das Flores, que já tem oito anos, começou em formato residencial e foi mudando aos poucos, com a chegada dos estabelecimentos. Estão presentes no espaço Crep1, Sushi Pium, Santo Reis Restaurante, Dona Coxinha Restaurante e Petiscaria, Bela Bistrô, Flor de Jambo, Ateliê Cris Felippes e Agnes Terapias. A arte da Vila tem a curadoria da artista plástica Ana Selma Galvão com os projetos espaço Consciente, loja sem vendedor, e a Casa Flor de Jambo. Conheça os restaurantes da vila: Sushi Pium O Sushi Pium chegou há três anos na Vila com o melhor da culinária japonesa. O proprietário e chef Washington abre a cozinha de quarta a domingo, das 18h às 23h, com delivery e rodízio. @sushipiumoficial Deguste | Janeiro | 2020

Dona Coxinha

Crep 1 Crep 1 O Crep1 foi o primeiro a chegar à Vila, há seis anos. Hoje, com as empreendedoras Silvia e Ana, a casa oferece crepes artesanais com uma renda de queijo, que espalha fama e massas frescas com molhos caseiros. A creperia abre de quinta a domingo, das 18h às 22h. @crep1pium Santo Reis Restaurante O café da manhã, preparado por Tetê e Carla do Santo Reis Restaurante, das 7h30 às 11h, nos finais de semana já é conhecido pelos visitantes e ciclistas que passam por Pium. A casa tem um cardápio variado, 18


Santo Reis

Sushi Pium

Flor de Jambo Pium

Bela Bistrô

incluindo carnes e frutos do mar, além da tradicional feijoada. Quinta e sexta feira, abre das 18h às 22h, e sábado e domingo, das 7h30 às 22h. @santoreiscafe

Dona Coxinha Restaurante e Petiscaria Coxinhas, pastéis, caldos, escondidinhos, baguetes, lasanhas e pratos à la carte são oferecidos pela Chef Cissa Carmona no Dona Coxinha. Carro-chefe da casa, as coxinhas gourmet artesanais têm receitas autorais e são oferecidas em mais de 10 sabores, incluindo opções veganas e doces. O estabelecimento abre de quarta a sexta feira, a partir das 18h e sábados, domingos e feriados, das 12h às Vila das Flores 22h30, sem intervalo. Avenida Joaquim Patrício, 02 Pium - Parnamirim/RN @donacoxinhapium

Bela Bistrô A portuguesa Anabela Leal trouxe as principais receitas de sua terra para o Bela Bistrô. Entradas, petiscos, sopas, sobremesas, carnes, frutos do mar e, claro, receitas variadas de bacalhau estão presentes no cardápio, disponível de terça a quinta a partir das 18h30 e de sexta a domingo, a partir das 12h, permanecendo aberto até o jantar. @bela.bistro

@viladasflorespium

19

Deguste | Janeiro | 2020


é tradição na Praia de Jacumã

Os dias de verão na praia de Jacumã podem ser ainda mais relaxantes no conforto do tradicional Naf Naf, um restaurante à beira-mar com ótima infraestrutura, que oferece espaço amplo com redário, espreguiçadeiras, boa comida e atendimento elogiado. O restaurante abre todos os dias, das 10h às 16h. Os clientes podem escolher pagar um valor fixo e se servir à vontade no grande buffet com várias opções de frutos do mar, churrasco, saladas, comidas regionais e sobremesas. Quem preferir, pode escolher, também, o serviço de pratos e petiscos à la carte. Drinks, coquetéis, cervejas e vinhos são as principais opções da carta de bebidas da casa. A empresária Tanize Facio, 26 anos à frente do restaurante, espera uma boa movimentação neste verão de turistas, mas principalmente dos veranistas tradicionais e nativos. “A descoberta do litoral norte é recente para o natalense. O acesso está muito bom para essa área. O pessoal está vindo cada vez mais para Jacumã, Maracajaú e São Miguel do Gostoso”, avaliou. Tanize ressalta que a praia de Jacumã, além de toda a beleza, oferece um banho de mar tranquilo para as crianças. “Aqui, os adultos brincam junto com as crianças na areia, jogam bola, frescobol, ficam na água. É um excelente lugar para as famílias”, contou.

O cliente pode escolher entre o buffet ou o serviço à la carte

Frutos do mar são o forte do restaurante Naf Naf

Naf Naf Restaurante Praia Praia de Jacumã - Litoral Norte de Natal Fones: (84) 3228-2228 | 99917-8992 @nafnafrestaurante /nafnafrestaurante E-mail: nafnafjacuma@uol.com.br www.restaurantenafnaf.com.br

Deguste | Janeiro | 2020

20

FOTOS VINÍCIUS ARAUJO

Naf Naf


Camarão crocante

O Pajé

Pastel de arraia

Ceviche de frutos do mar

Restaurante fica situado de frente par o mar de Maracajaú

brilha no verão do litoral Norte de Natal

O Pajé Culinária, localizado na praia de Maracajaú, vêm cheio de surpresas neste verão. Elogiado pelos clientes por oferecer frutos do mar frescos, em um ambiente agradável e visual paradisíaco, o restaurante segue com a agenda cultural, onde se apresentam os mais refinados artistas locais em noites sempre mágicas, com blues, jazz, rock, reggae, Bossa Nova e o melhor da MPB. Nesta alta temporada, O Pajé lança novos pratos e traz mais sofisticação ao cardápio, com as novidades assinadas por Júlia Dias, que dá continuidade ao legado de sua mãe, a renomada chef Gláucia Veras. As ostras cultivadas com água mineral, no maior aquário do litoral Norte de Natal, são referência para os que adoram a iguaria fresca ou gratinada. Sempre pioneiro em Maracajaú, o Pajé também lança, no espaço anexo, uma pizzaria com massa fina e artesanal, com todo charme e sabor, qualidades características do Pajé. A pizza de arraia e a de camarão com gorgonzola são algumas delícias do cardápio. O horário de funcionamento do Pajé Culinária, em janeiro, será das 8h às 21h, de segunda ao domingo (em dias de evento até as 23h). Já a Pizza do Cajueiro, funcionará das 18h às 23h, todos os dias. Acompanhe pelas redes sociais para se informar sobre a programação musical e as delícias deste verão do Pajé Culinária.

Adriano Sousa é o dono do restaurante Pajé

21

O Pajé Culinária à Beira Mar Praia de Maracajaú/RN Fone: (84) 99962-2177 @opajeculinaria opajeculinaria

Deguste | Janeiro | 2020


Balica Restaurante

renova cardápio

Frutos do mar, peixes e carnes com preparo especial são servidos no Restaurante Balica, da Pousada dos Ponteiros, em São Miguel do Gostoso. O estabelecimento funciona para café da manhã e almoço e é aberto também para não hóspedes. A ideia é, além de oferecer o melhor da chamada comida contemporânea com referências da cozinha regional, estender a hospitalidade do hotel para a mesa do restaurante. “Balica foi uma tia-avó, que era ótima cozinheira e gostava de receber bem as pessoas, com uma mesa farta e muita simpatia. É isso que procuramos fazer”, explica o proprietário da pousada, Emanuel Neri. “O jantar fica por conta da ótima gastronomia de São Miguel do Gostoso. A gente incentiva que os visitantes saiam para conhecer a noite da cidade”, completa o empresário e jornalista, ressaltando que é possível reservar o restaurante à noite apenas sob demanda de grupos, como aconteceu em novembro com a Mostra de Cinema de Gostoso, quando o Balica serviu, diariamente, cerca de 100 pessoas. Com a cozinha atualmente comandada pela chef Cris Guilherme, o destaque é para as receitas com frutos do mar. O prato La Brisa, homenagem a antigo restaurante da cidade, conquista os clientes com arroz cremoso com leite de coco, polvo e camarão. O Camarão Tropical chama atenção servido em abacaxi. Já o prato que leva o nome do restaurante é um filé de peixe grelhado ao molho de camarão, servido com purê de batata doce

Prato Balica: purê de batata doce, peixe, legumes e camarão FOTOS FERNANDA PEIXOTO

Camarão tropical servido no abacaxi

aromatizado com wassabi e legumes salteados. O menu inclui, também, o típico picadinho carioca, que recebeu o nome de Picadinho da Madame, outra referência gostosense, que remete a um antigo bistrô da cidade. A receita inclui picado de carne com arroz, feijão preto, ovo frito, banana à milanesa e farofa de castanha. O cardápio conta, ainda, com entradas tradicionais, como brusquetas, dadinhos de tapioca, chips de macaxeira e batata doce, ceviche e salsa de polvo, além de petiscos como camarão alho e óleo, filé com fritas, camarão empanado e isca de peixe. Saladas e opções de pratos para as crianças também estão na lista.

Chips de batata doce com parmesão Salsa de polvo com chips de batata doce

Deguste | Janeiro | 2020

22

Restaurante Balica Jardim da Pousada dos Ponteiros Av. Enseada das Baleias, 1000 Praia do Maceió - São Miguel do Gostoso/RN Fone: (84) 3263-4007 | 99157-5874 @balicarestaurante www.pousadadosponteiros.com.br


23

Deguste | Janeiro | 2020


Tao Paradise

Os 10 Anos do

reformulado recentemente. O Tao Paradise funciona de quarta-feira a domingo, das 10h30 às 16h, mediante reserva antecipada feita pelo site www.taoparadise.com, em que a pessoa paga, no momento da confirmação da data desejada, 50% do valor do day use. Na alta temporada - até o dia 26 de janeiro/2020 - custa R$ 180,00 por pessoa. Depois desse período, o valor é de R$ 160,00. Na taxa do day use está incluída a cabana privativa, um cocktail de boas vindas, água natural à vontade, uma bruschetta italiana como petisco e o almoço completo em quatro etapas, com entrada, dois pratos principais e sobremesa, além de café. Bebidas alcoólicas e refrigerantes são cobrados à parte. Crianças até 11 anos de idade pagam R$ 75,00 pelo menu. A partir de 12 anos, é cobrado o mesmo valor de um adulto. Não é permitido levar bebidas nem animais. O Tao Paradise é famoso também pela qualidade de sua gastronomia, de responsabilidade da chef Samara Santos de Oliveira, que, diariamente, oferece quatro opções de refeição em que a pessoa escolhe um deles. O novo menu é classificado de Menu Terra, Menu Mar, Menu Vegetariano e Menu Aman, este exclusivo para quem está passando o dia na cabana Aman.

A revista Deguste volta, 10 anos depois, ao Tao Paradise para fazer um novo registro de um dos projetos turísticos de maior sucesso no Rio Grande do Norte, amplamente divulgado na imprensa nacional e internacional. Idealizado pelo empresário italiano David Zannoni, o Tao Paradise é um belo DAY USE erguido em meio a um bananal de 25 hectares no povoado de Catolé, município de Pureza, que tem como maior atrativo as águas cristalinas do rio Catolé, cuja nascente fica bem próxima ao local. Recebendo 26 pessoas por dia (no início eram apenas 12 pessoas), o Tao Paradise é daqueles lugares incríveis para quem tem a oportunidade de conhecer. Sem wi-fi, o contato direto com a natureza preservada e o silêncio do local fazem as pessoas se desconectarem do mundo lá fora, para viverem algumas horas de puro relaxamento, quebrando por completo a rotina de qualquer um. “O luxo desse lugar é justamente a tranquilidade, que permite as pessoas se interagirem melhor”, afirma Davide. Para melhor acomodar as 26 pessoas, o Tao Paradise conta com uma ótima infraestrutura e disponibiliza oito cabanas à beira do rio - sendo uma mais exclusiva, chamada de Aman -, além de um charmoso restaurante em formato de palafita, também de frente para o rio, que teve seu menu

A chef Samara Santos com o empresário Davide Zannoni, idealizador do Tao Paradise

Deguste | Janeiro | 2020

24


Filé de meca na chapa com caviar nordestino e purê de abóbora

Alguns pratos podem sofrer alterações em função da sazonalidade dos produtos, uma vez que a proposta da chef é a de trabalhar prioritariamente com ingredientes da região fornecidos por produtores locais. Uma nova louça artesanal modelada à mão foi encomendada recentemente para comemorar esses 10 anos. Ela estampa a logo do Tao. Novidade também é a reformulação da carta de vinhos, selecionados, agora, pela importadora Grand Cru. As cervejas artesanais também estão presentes entre as bebidas alcoólicas. Já o café, servido no final das refeições, é da marca 3 Corações com várias opções de sabor. CABANA AMAN Funcionando desde 2017, a proposta, aqui, é de exclusividade para no máximo quatro pessoas com atendimento personalizado. Ao preço individual de R$ 300,00, a Cabana Aman tem 16m² construída em uma área de 500m² privada, e oferece uma série de mimos. São duas espreguiçadeiras Queen Size, música ambiente escolhida pelo bluetooth de seu celular para a caixa de som Jbl Extreme, almoço servido diretamente na cabana, serviço de toalha, ponto de energia para carregar o celular, um menu diferenciado e uma garrafa para cada duas pessoas do espumante Chandon Brut Reserve. Um luxo que marcará definitivamente a sua experiência no Tao Paradise.

Lambretas do mangue ao molho Chardonnay

MENU AMAN Este menu foi servido para a reportagem da Deguste e começa com petiscos de salgados variados e quibes de carne e de frango. De entrada foram oferecidas Lambretas do mangue com creme de Chardonnay, de sabor suave e delicado. Um bom cartão de visitas da chef Samara. Em seguida, chega à mesa um interessante e saboroso ceviche de frutas com camarões ao leite de coco e limão. O prato principal fica por conta de uma Lagosta em ervas com purê de banana da terra e farofa de castanha de caju. Muito bom! Finalizando o almoço é a vez da sobremesa, o Tirami Giú, a versão local do Tiramisù, tradicional sobremesa italiana. O acesso ao Tao Paradise é uma viagem de 45 minutos a partir de São Miguel do Gostoso (50 km) ou pouco mais de uma hora de Natal (90km). No site, você encontra todas as dicas para chegar sem maiores dificuldades a partir dessas duas cidades.

Lagosta com ervas, purê de banana e farofa de castanha

Tao Paradise Povoado de Catolé - Pureza/RN Func.: de quarta a domingo, das 10h30 às 16h. Fone: + 55 84 99427-5445 @taoparadise Tao Paradise Email: www.taoparadise.com

25

Deguste | Janeiro | 2020


Natal Fest Gourmet

Presidente da Funcarte, Dácio Galvão, entrega a placa Le Magnifique Chef a Adalva Rodrigues

Restaurantes e bares participaram...

Festival valoriza gastronomia local e homenageia a chef Dona Adalva Rodrigues aplaudir a iniciativa”, parabeniza o prefeito de Natal, Álvaro Dias. Como faz todo ano, o Natal Fest Gourmet homenageia uma pessoa do Estado, que contribui para a valorização da gastronomia local. Este ano, a homenageada foi Dona Adalva Rodrigues, a veterana fundadora do restaurante Paçoca de Pilão, em Pirangi. Há muitos anos, Dona Adalva vem valorizando e enaltecendo ingredientes regionais, abrindo caminho para muitas iguarias nas mesas locais, como o arroz vermelho e a paçoca de pilão. Ela recebeu a placa Le Magnifique Chef' das mãos de Dácio Galvão, presidente da Fundação Cultural Capitania das Artes – Funcarte. Em edições anteriores, o festival homenageou os chefs Tadeu Lubambo e François Schmmit. O Natal Fest Gourmet ocupou toda a praça com restaurantes e bares, Arena Senac de

O Natal Fest Gourmet realizou a sua terceira edição no formato itinerante durante a última semana dos festejos natalinos (19 a 21 de dezembro) de 2019, oferecendo ao público a boa cozinha de novos e veteranos chefs, além do trabalho de uma das principais escolas de gastronomia, com a participação da Arena Senac de Gastronomia nas três noites de festival. Realizado na Praça Pedro Velho, este ano o festival contou com patrocínios da Prefeitura de Natal, Unimed Natal através da Lei Djalma Maranhão e a parceria do SENAC-RN. “O Natal Fest Gourmet provou ser mais um dos acertos na programação do Natal em Natal, por oferecer aos natalenses e aos turistas opções gastronômicas que estão entre as melhores da cidade a custos bastante acessíveis e disponibilizar o atrativo extra das oficinas temáticas para os iniciados. Temos que

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Deguste | Janeiro | 2020

26


...do Natal Fest Gourmet

O evento foi prestigiado pelo natalense, que lotou as mesas para degustação

Gastronomia, além de brinquedoteca. Participaram dessa edição Totóia Restaurante, Paçoca do Pilão, Kojim Restaurante, Cozinha da Nêga, Anena Pães Artesanais, Massa Fina, Chef Adriana Lucena com queijos artesanais, Caroli Douces, Mil Folhas Doces, Original Dindim e chopp artesanal da Perversa, além do lançamento da Aroeira Gin. A novidade foi a margem de preço para todos os pratos, vendidos até 20 reais. “Uma forma de democratizar bem mais o acesso aos restaurantes, e as pessoas puderam degustar com mais tranquilidade”, comentou Habib Chalita, produtor do evento. Na Arena Senac, foi a oportunidade dos chefs mostrarem seus pratos mais autorais ao público, como o caso da chef e professora Renata Lopes, que criou sua versão de surf turf com ingredientes locais, usando o camarão e a charque. Também prepararam suas receitas as chefs Amanda Navarro, que trouxe os Sabores Tailandeses - Som Tam; Elizabeth Assunção com seu Baião de 3; o chef Paulo Arsand com os Sabores dos Pampas gaúchos; Thiago Gomes apresentou a sua Moqueca Afrodisíaca; Tulyane Bezerra fez um Passeio pelo Seridó, e Alisson Marinho montou um Nhoque de batata doce e laranja e o Ravioli Canto do Mangue.

A famosa galinha da Totóia marcou presença no festival

Na Arena Senac, chefs prepararam pratos mais autorais

27

Deguste | Janeiro | 2020


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Camarões Uma cozinha totalmente nova foi construída para o serviço

Clara Bezerra com parte da equipe que montou o delivery

abre nova unidade especificamente para delivery

O Restaurante Camarões inaugurou uma unidade através de aplicativo. Formalmente, o delivery foi só para atender o seu novo serviço de delivery. A nova inaugurado no dia 4 de novembro. loja funciona de domingo a domingo e está O cardápio inclui 47 pratos entre entradas, concentrando todos os pedidos da capital. O endereço principais e sobremesas, disponíveis nos cardápios escolhido para abrigar o prédio foi o bairro de Nova das unidades tradicionais do Camarões. Descoberta, estratégia para facilitar a entrega mais “O Camarões construiu uma relação em que os rápida possível para qualquer lugar de Natal. clientes não vêm aqui apenas para almoçar ou jantar. Historicamente, os pedidos por encomenda do Aqui, as pessoas vivem uma experiência positiva. Camarões funcionavam no restaurante da Roberto Então, nos esforçamos para que essa mesma Freire. Mas nunca foi um delivery oficial, se tratava de sensação positiva aconteça no delivery”, explica Clara um serviço a mais na rotina do restaurante. As Bezerra, do Camarões. pessoas O cuidado com o encomendavam padrão Camarões fez pelo telefone e iam a empresa investir buscar a comida no em embalagens balcão, ou especiais, que mandavam algum interferem o mínimo tipo de serviço de possível no sabor e entrega buscar aroma dos alimentos para elas. (as embalagens A decisão de podem ir para o montar um delivery micro-ondas e forno próprio, em um normal). Além disso, prédio em foi configurado um separado, foi muito sistema de entregas, bem pensada pelos com uma donos da marca, e cooperativa de até só começou a ser 80 motociclistas, de colocada em forma que os prática após todos atendimentos sejam Embalagens especiais podem ir ao forno e micro-ondas os detalhes serem entregues na medidos em muitas brevidade esperada discussões internas dos sócios. pelos clientes, que conhecem a marca Camarões. O novo serviço delivery do Camarões funciona Os pratos disponíveis, atualmente, são porções todos os dias, no almoço e no jantar, das 11h às grandes, que servem 03 pessoas. Mas há estudos 15h30, de segunda a sábado, e das 11h às 16h aos para que pratos executivos sejam incluídos nas domingos e feriados. opções, para aqueles Delivery Camarões O cliente pode fazer o pedido pelo telefone (84) clientes individuais que Rua Israel Nunes, 462 2010-4040, ou pegar o prato diretamente no balcão optam por fazer Nova Descoberta - Natal/RN Fone: (84) 2010-4040 de atendimento, na Rua Dr. Israel Nunes, 462, em encomenda de porções www.camaroes.com.br/delivery Nova Descoberta. Em breve, será possível também menores.

Deguste | Janeiro | 2020

28


29

Deguste | Janeiro | 2020


Le Paradis du Café em Petrópolis

Ambiente interno do bistrô é muito bonito e aconchegante

Chessecake de manga

Tarte tatin

Funcionando desde o mês de novembro de 2019, o Le Paradis du Café é a novidade deste início de ano no mercado gourmet do badalado bairro de Petrópolis, a área imobiliária mais nobre de Natal. Montado pelo casal Alain Casenave e Iara Casenave, o Le Paradis é uma mistura de bistrô/café cujo grande objetivo é encantar os clientes pela beleza da ambientação e servir iguarias que remetem às delícias da culinária francesa.”Aqui, é um lugar de gente feliz”, declara Iara. A empresária explica que, para montar o bistrô, contou com a decisiva parceria da marca de cafés Santa Clara, aliada no conceito de criar um novo espaço para os amantes do café na região de Petrópolis. No Le Paradis são servidos cafés da linha especial Reserva da Família, como também a venda de cafés filtrados. A vocação do empreendimento tem relação com o gosto de Iara pelos cafés. Ela própria tem formação de curso de barista com certificação internacional pelo grupo 3 Corações.


Chefs Ellen e Eduarda, com Iara e Alain Casenave

O endereço é estratégico. Fica na Avenida Rodrigues Alves quase esquina com a Rua Trairi, vizinho ao restaurante Basílicos. Fácil de chegar e ótimo para encontrar estacionamento. São dois ambientes. Na entrada, um aconchegante café com mesinhas colocadas na calçada para quem gosta de olhar o movimento relativamente sossegado naquele trecho da Avenida Rodrigues Alves. Depois de um corredor, chega-se ao lindo bistrô, com mesas de 2, 4 e até 8 lugares. Um ambiente muito bonito e bem decorado para pequenos eventos entre amigos. Ao todo, a casa acomoda cerca de 80 pessoas. Iara Casenave é natalense e morou sete anos em Paris. Lá se casou com o parisiense Alain Casenave. Há cerca de um ano, o casal decidiu vir morar no Brasil e gostou da ideia de montar um café no térreo do prédio comercial que pertence à Iara, em Natal. Durante oito meses, eles foram montando o Le Paradis aos poucos, com cuidado nos pequenos detalhes, até abrirem as portas, no final de novembro. Os bastidores do estabelecimento merecem atenção. Três jovens mulheres conduzem o dia a dia na cozinha e na cafeteria. Duas delas são as formadas no curso de Gastronomia pela UnP, a chef Ellen Joice e a sus-chef Eduarda Pimenta, responsáveis pela

Crepe Fraise

Quiche de alho

Sidiane do Nascimento é responsv́el pelos drinks e cafés

execução dos doces e salgados e dos pratos quentes, que estão sendo testados para, em breve, ser criado um cardápio de refeições. A cafeteria e bar dos drinks são comandados pela ágil Sidiane do Nascimento, natalense que fez treinamento de barista e trabalhou para a cafeteria Santa Clara. O cardápio inteiro possui mais de 100 itens, entre cafés, cappuccinos, sucos, chás de ervas francesas, tortas, drinks, coqueteis, sanduíches, crepes, omelete, quiches, croissants, cuscuz, tapiocas, madeleines, rabanadas e bolos. Há uma pequena carta com 10 vinhos, que deverá ser ampliada. Merece destaque o Café Gourmand, uma espécie de combo servido com três porções pequenas de doces e um café. Os doces mudam diariamente. Por enquanto, o funcionamento está sendo de segunda a sexta-feira, das 12h até às 20h. Mas o casal Alain e Iara estuda ampliar esse horário a partir de pesquisa que será feita com o perfil dos clientes. “Neste momento, estamos em ‘soft open’, afinando a Le Paradis du Café equipe, azeitando a Av. Rodrigues Alves, 433 operação e entendendo Petrópolis - Natal/RN Fones: (84) 3033-1593 | 99144-0823 o gosto dos clientes”, @Leparadisducafe explica Iara.

Cafés especiais da Santa Clara


Papo Café Ricardo Sousa riccsb@gmail.com

Você já bebeu um Irish Coffee?

Em seguida, adicione 120ml de café quente e forte. Deixe um espaço de 2cm para a borda da taça, para o colarinho. Adicione 2 colheres de sobremesa de açúcar mascavo e misture bastante. Agora, em outro recipiente, bata com um garfo, como quem bate clara em neves, um pouco de creme de leite fresco. Caso esteja tendo dificuldade para executar essa fase, você pode somente agitar bastante a garrafa do creme de leite. Todavia, ela não pode estar muito cheia. Em seguida, despeje bem devagar, com uma colher, o creme na taça até completar um colarinho de aproximadamente 2 cm. Então, basta servir. Não é necessário mexer com colher e deve ser bebido diretamente da taça. O Irish coffee é um dos drinks que devem ser preparados em uma modalidade de competições de barismo, chamada Coffee in Good Spirits, pois é uma bebida elegante de ser servida e bastante versátil, quando se trabalha nas suas pequenas variações de modo de preparo e ingredientes, mas ao mesmo tempo conserva a sua tradicionalidade. Assim, que tal preparar para as visitas e deixar todas impressionadas? Aproveite o seu café irlandês.

Drink bem tradicional de café, no mundo inteiro, é o Irish coffee. Uma bebida sofisticada, mas, ao mesmo tempo, fácil de fazer, podendo ser preparada até mesmo em casa. A combinação do Uísque com café e creme é um clássico do barismo, tornando-se, inclusive, um item obrigatório em competições do ramo e arremata fãs por todo o planeta. A bebida foi criada pelo chef Joseph Sheridan, que trabalhava no restaurante do aeroporto de Foynes, na Irlanda, na década de quarenta. Conta-se a história que, em certa ocasião, devido às más condições climáticas, houve o cancelamento de um voo partindo de Foynes. Os passageiros estavam no restaurante impacientes e frustrados por perder a viagem. Sheridan, havia preparado café para servir as pessoas ali presentes, porém resolveu adicionar uísque, com o intuito e animálos. A euforia de prazer ao provar aquele novo drink foi unânime! Um dos passageiros, então, pergunta, isto é café brasileiro? Sheridan responde: Não, isso é café Irlandês! (No, That’s Irish Coffee). O preparo é bem simples e qualquer pessoa consegue fazer. Pegue uma taça e coloque uma dose de 50ml de uísque Irlandês, ou outro de sua preferência.

Deguste | Janeiro | 2020

32


33

Deguste | Janeiro | 2020


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Platter For You

Maria Antônia destaca que o verão é uma boa oportunidade para as pessoas conhecerem as tábuas da Platter Fou You

prepara tábuas e mesas tropicais para o verão

tipos de bebidas consumidas, horário da festa e grupo de convidados. As tábuas aparecem em versões menores, para um casal, até maiores, servindo grupos de vinte pessoas. As mesas podem ser encomendadas para grupos a partir de 20 pessoas. E a empresa já chegou a servir em eventos com até 300 pessoas. Maria Antônia ressalta que ao contratar a Platter, o cliente não adquire apenas comida. “Você compra também o conceito e toda a decoração da mesa, que é farta, bonita e descontraída. Além da praticidade e, claro, do sabor. O que torna o negócio sustentável é o sabor”, disse, ao destacar que o trabalho é feito a quatro mãos, junto com o Platter For You marido, Jerônimo Melo, Fone: (84) 99154-6804 (orçamentos pelo Whatsapp) podendo contratar equipe @platterforyou de apoio para eventos.

Ao perceber a alta demanda de tábuas de frios para reuniões em casas de praia durante o veraneio, a Platter For You decidiu oferecer, também, as belas mesas de buffet ao estilo grazing tables com o tema verão. Mais frutas da estação e receitas potiguares passam a fazer parte das combinações criativas e coloridas, que são montadas. “A manga que a gente usava fechada no verão vai sair da casca”, disse Maria Antônia, proprietária da Platter For You, evidenciando a variação tropicalizada, que passa a incluir pratos como ginga com tapioca, carne de sol na nata, doce de coco verde com queijo brie, caranguejo e camarão. Queijos finos, principalmente os produzidos na terra, pães, frios, geleias, pastas e outros itens continuam nas composições. As criações são montadas de acordo com as preferências e de cada cliente e perfil da ocasião,

Deguste | Janeiro | 2020

34


35

Deguste | Janeiro | 2020


Riza restaurante casual

O trabalho do cozinheiro Jonatã Canela de investigação da culinária brasileira, agora, é compartilhado com o público natalense no restaurante Riza, em Petrópolis. O estabelecimento surge com uma proposta casual e com foco em produtos frescos, principalmente advindos de pequenos produtores e da agricultura familiar, não somente do Rio Grande do Norte. A cozinha busca ser justa e autêntica, descontraída, mas com muita técnica e cardápio, que muda de acordo com a sazonalidade dos produtos. A ideia é não usar congelados. Os peixes e os frutos do mar são comprados diretamente dos pescadores e os queijos são fornecidos da Fazenda Caju, de Ceará-Mirim. Carnes variadas também integram o menu, inclusive cordeiro, porco e uma codorna de Santa Catarina, que é criada com ração vegetal, assada e defumada em lenha de cajueiro, regada com molho Albufera e acompanhada de cenoura orgânica e purê de batata. A casa oferece dez entradas (algumas veganas), nove pratos principais e três sobremesas: Parfait de chocolate,

Barriga de porco cozida lentamente com purê de milho FOTOS ROGÉRIO VITAL

Ana Paula Brandão e Jonatã Canela inauguraram o Riza Codorna de Santa Catarina assada e defumada em lenha de cajueiro

Harumaki de caju com molho de rapadura e sorvete de caju Prato frutos do mar

Deguste || Janeiro Janeiro || 2020 2020

36 36


Torta de queijo manteiga e Harumaki de caju. “A gente se sente privilegiado, porque os fornecedores estão dando atenção e comprando a nossa ideia. A gente trata cada matéria prima como uma joia”, contou Jonatã Canela, que divide a sociedade com a esposa, a nutricionista Ana Paula Brandão. O empresário informa que está abrindo para o jantar de terça a sábado, a partir das 18h30, e já preparou algumas programações. A terça tem Gin Tônica clonado; a quarta, rolha free e na quinta-feira, ao comprar uma taça de vinho, o cliente ganha a segunda. A casa está em recesso de 4 a 14 de janeiro. Na volta, a partir do dia 15, vai abrir para o almoço, de

terçe-feira a sábado, das 11h30 às 15, com menu executivo, além do cardáio da noite. O restaurante conta com uma cerveja da casa, à base de maracujá, e na carta de vinhos destaca-se o Pet Nat Lorena, um espumante natural feito dentro da garrafa. A decoração é sóbria e descontraída, contando com murais da artista Janyre Azevedo, da Colori Divini. Entre as mesas, uma árvore discreta na RIZA - restaurante casual parede ganhará mais e Rua Potengi, 584 Petrópolis - Natal/RN mais raízes na medida Fone: (84) 99433-0303 em que o negócio se @rizarestaurante consolidar.

37 37

Deguste || Janeiro Janeiro || 2020 2020


Opinião alguns bons euros por 50 mini risoles de frango (atualmente 50 Euros) e 100 Euros por 100 unidades de mini coxinha de galinha. Absurdo? Nãããããoooo! Esse mercado movimenta exatamente isso, a saudade tem um preço caro, todavia, a satisfação de poder

Arthur Coelho

chef-coelho@hotmail.com

O maravilhoso mercado da saudade!!

compartilhar com seus compatriotas de um prato de coxinha em uma mesa regada à cerveja alemã e muitas risadas de seus “micos” iniciais no novo país, não tem preço! É um mercado que movimenta pequenos e grandes negócios. Eu mesmo tive a oportunidade de implantar um grande restaurante brasileiro (150 lugares) em um dos endereços mais badalados de Munique. Cozinha brasileira, rodízio de carnes, petiscos de terraço e cerveja brasileira faziam parte do mercado da saudade. Frequentado por jogadores de futebol de times alemães (Bayern-München) e alguns da nossa seleção brasileira, além de artistas brasileiros que por aqui aportavam. Mas o dia-dia desse mercado é que é impressionante: pequenos presentes, como uma latinha de guaraná do Brasil, um pacotinho de massa de tapioca e um vidrinho de leite de coco fazem a grande alegria dos brasileiros, que por alguns momentos fugazes “viajam” para seus locais de origem, “visitam” suas infâncias, “abraçam” seus entes queridos e recuperam as suas energias e os seus sentimentos de pertencimento, dando um “novo gás” para enfrentarem a solidão, o frio, o distanciamento, as dificuldades financeiras e, muitas vezes, da comunicação mais expressiva em suas línguas nativas. Esse mercado tem o dom de diminuir a melancolia, a saudade, a dor, a depressão e, quem sabe, aproximar pessoas e trazer aquele abraço que o brasileiro tanto sabe dar!! Fica, aqui, meu abraço aos queridos leitores e com saudades da nossa querida e ensolarada Natal!!

Olá pessoal, tudo bem? Desejo a todos um maravilhoso ano de 2020!! Encontro-me no momento em Munique (Alemanha) fazendo alguns cursos e também fazendo uma avaliação do mercado internacional de trabalho. Em contato com alguns empresários brasileiros e alemães, eu fiquei impressionado com o “mercado da SAUDADE”! Isso mesmo: “MERCADO DA SAUDADE”, aquele nicho de mercado que a gastronomia detêm uma grande influência, trazendo a todos um pouquinho do seu país de origem e oferecendo conforto gastronômico e afetivo àquele que vive fora de sua terra natal. Asiáticos, muçulmanos, africanos, europeus fora de seu país de origem e, claro, os brasileiros, que sustentam fortemente esse grande mercado. Do café brasileiro, da tapioca, da macaxeira, do queijo de Minas, do doce de leite, do pudim de leite condensado, do bobó de camarão, da feijoada, do rodízio de carnes, do pastel crocante até a coxinha brasileira...ufa! Isso não é nem a metade do que se procura nesse mercado. Acreditem se quiserem, até esmaltes fazem parte desse mercado, o que confere um pouco de aconchego para aquele que se encontra fora de seu país. Nisso tudo, transitam os trabalhadores, os empresários, os viajantes (que se passam por “contrabandistas do bem” se é que se pode chamar assim), mas quem é que lucra com isso? Evidentemente que a saudade não tem preço! Se paga

Deguste | Janeiro | 2020

38


39

Deguste | Janeiro | 2020


Luiz Montanares fala para jornalistas e agentes de viagem

A praia de Pipa foi destaque na apresentação de Montanares

Canessa & Montanares Material usado na divulgação do evento

Bufê montado para recepcionar os convidados

divulga Pipa como destino turístico no Chile

A praia de Pipa foi apresentada como destino turístico a agências de viagens, jornalistas especializados em turismo, artistas e blogueiros do Chile durante evento em Santigo. A importadora e distribuidora de vinhos Canessa & Montanares, presente em Natal, João Pessoa e Porto Alegre, realizou o CM Experience de Pipa no dia 11 de dezembro, no Club de La Unión. De acordo com o empresário Luis Montanares, que é chileno e vive no Brasil há 21 anos com a sua família, o objetivo foi mostrar Pipa como uma experiência, não apenas um destino de viagem. “Apresentamos a culinária, os festivais de música e de gastronomia, passeios de buggy e quadriciclo, arvorismo e barco gastronômico. Na verdade, mostramos tudo que o lugar tem a oferecer, o dia e a noite, além das belezas naturais, que são surreiais”, disse Montanares, ao ressaltar que o coquetel oferecido foi um sucesso e que os chilenos já têm interesse na região. “Este ano fui ao Chile no meu aniversário. Estava vendo TV e de repente vi uma reportagem com imagens de Tibau do Sul”, lembrou. De acordo com Luis, o evento foi dividido em três partes. No primeiro momento foi exibido um vídeo sobre todo o Rio Grande do Norte, produzido pela Emprotur, que apoiou o evento junto com a Associação de Hoteleiros de Pipa, a Prefeitura Municipal de Tibau do Sul e a Embaixada do Brasil no Chile, por meio do Comitê Descubra Brasil Chile. Depois, mais vídeos foram mostrados primeiro com Deguste | Janeiro | 2020

foco na cidade de Tibau do Sul e também apenas em Pipa. E, por último, foi realizada a apresentação de nove hotéis da cidade. Participaram Sombra e Água Fresca, Minas 1 (do grupo Cicchetti), Bupitanga, Spa da Alma, Oka da Mata, Kilombo Villas & Spa, Pipa Lagoa, Madeira Beach e Ponta do Madeiro. Dois deles, o Oka da Mata e o Spa da Alma, ofereceram quatro diárias para sorteio. Luis Montanares também destacou o importante intercâmbio cultural entre os dois países, com a participação do cantor Joe Vasconcellos durante o evento. Joe tem pai brasileiro, conhece o RN e demonstra interesse em voltar. A ideia do empresário é produzir uma canção de Joe em espanhol, português e italiano.

Convidados receberam sacola com material promocional

40

Canessa & Montanares Av. Hermes da Fonseca, 506 Petrópolis - Natal/RN Fone: (84) 2020-6482 @canessaemontanares


41

Deguste | Janeiro | 2020


Flora Cafeteria

Verão chega ao cardápio da

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Poke de salmão

Cafeteria tem uma decoração leve com elementos regionais

A estação mais quente do ano invadiu o jardim e o cardápio da Flora Cafeteria, na Avenida Rodrigues Alves, em Petrópolis. Agora em janeiro, o restaurante lança o “almoço de verão”, prometendo agradar a públicos diversos. A convite das empresárias Vânia e Mézia Araújo, donas da cafeteria, a nutricionista Paula Maia reuniu uma seleção de receitas leves e cheias de sabor para o restaurante, que divide espaço com a floricultura Flor de Algodão. “O nosso público pede cada vez mais comidas saudáveis”, explicou Vânia, que já oferece diversas opções veganas e lights no cardápio. Novidade entre as bebidas, os shots aparecem em duas versões, com frutas vermelhas e cúrcuma com hortelã. As entradas incluem ceviche de camarão com flores comestíveis e um tartar vegano de cenoura e beterraba. “O tartar é muito bom. Fiquei impressionada com o sabor defumado e da mostarda Dijon”, aprovou Vânia Araújo.

Entre os pratos principais, o salpicão funcional é apresentado em cama de salada orgânica da casa. No lugar do creme de leite, recebe creme de castanha produzido pelo próprio restaurante. A salada thay de camarão tem mamão no preparo e a salada quente oriental de frango, espaguete de cenoura e óleo de gergelim, tudo com teor reduzido de sódio, sem glúten e sem lácteos. A lista apresenta ainda poke de salmão ou cogumelos, servido com arroz de couve flor, sunomono funcional, sem açúcar, abacate, amendoim e gergelim. Mousse proteico de chocolate com cobertura de leite condensado de coco ou de geleia de frutas vermelhas está entre os doces, além de brownie, cookie de tahine com baunilha e gotas de chocolate e bolinho de cacau com ganache de chocolate e nibs de cacau. Todas as sobremesas estão disponíveis para encomendas.

Salpicão funcional

A empresária Vânia Araújo convidou a nutricionista Paula Maia para criação dos pratos de verão

Deguste | Janeiro | 2020

42

Flora Cafeteria Av. Rodrigues Alves, 443A Petrópolis - Natal/RN Fone: (84) 2030-4090 @floracafeteria /floracafeteria


O ‘Sabores da Pipa Festival Gastronômico’ agradou a quem provou dos pratos de sua 1ª edição. O evento aconteceu de 06 a 15 de dezembro na Praia da Pipa, Tibau do Sul/RN, e reuniu atrativos da gastronomia em bares, hotéis, ruas e restaurantes. Pratos e drinks foram apresentados durante os nove dias de festival, com valores abaixo do preço médio e, quem experimentou, aprovou. Durante os fins de semana, o movimento nos estabelecimentos participantes foi ainda mais intenso. Nas áreas externas dos locais, os visitantes saborearam as mesmas criações em formato finger food, o que rendeu a oportunidade ao cliente em conhecer as criações gastronômicas, antes da escolha de onde fazer a refeição completa. “Eu achei bem diferente e democrático o festival. Podemos degustar a grande variedade de pratos e com preços bem interessantes. Está aprovado! Tive sorte em ter vindo para Pipa na mesma data”, comemora o paulista Antônio Spindola, que está passando férias na praia pela segunda vez. Para a turista catarinense, Bárbara Machado, o Sabores da Pipa tem um formato bem contemporâneo para um festival. Ela aproveitou a programação que envolveu as oficinas e workshops. “Além de degustar os pratos, eu participei das oficinas e aprendi mais. Adoro cozinhar e mesmo estando passeando por Pipa, desejo aprender novidades”, declarou. As oficinas e workshops promovidos na Arena dos Saberes e Sabores, montada na Praça do Pescador, foi outro grande diferencial. Com ótima aceitação por parte dos empresários, o formato do Sabores da Pipa não teve propósito competitivo e sim de união e fortalecimento de toda a cadeia que abarca a gastronomia local. Valorizar o que é local, de pessoas à insumos, de empresas à projetos, propagando o conceito da gastronomia Km0 (quilômetro zero). O Sabores da Pipa Festival Gastronômico foi uma realização do Convention Bureau, Juçara Figueiredo Produções e Lá na Casinha. Contou com apoio do Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Turismo do Rio Grande do Norte - SETUR, com recursos oriundos do projeto Governo Cidadão, além do apoio também da Prefeitura de Tibau do Sul e Movimento Preserve Pipa.

Sabores da Pipa Festival foi bastante elogiado pelo público que prestigiou o evento

Festival Gastronômico

recebe aprovação de público e participantes FOTOS: GUSTAVO MITILENE

Chefs elaboraram pratos especiais para o festival

Várias oficinas aconteceram durante o Sabores da Pipa

43

Deguste | Janeiro | 2020


Babalu Comidinhas Deli

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Bobó de Camarão

A empresária natalense Nosivalda Maria de Oliveira, chamada pelos amigos de “Bal”, decidiu transformar em empreendimento comercial o talento para a culinária, que sempre exercitou apenas em ocasiões especiais para amigos e parentes. Através da marca Babalu Comidinhas Deli, Bal pratica uma cozinha artesanal focada principalmente nos frutos do mar, culinária típica que ela aprecia muito, produzindo porções, que são vendidas congeladas através de delivery. O cardápio inclui molhos de tomate, camarão e lagosta; além de ensopado de siri, pesto de camarão, ensopado de camarão, vinagrete de polvo, lula recheada com camarão e lagosta, acarajé ceviches, entre outros. O ateliê culinário do Babalu Comidinhas Deli funciona em um casarão do bairro Tirol, nas imediações da AABB, apenas para a produção. Mas, de tanto as amigas insistirem, a empresária pensa seriamente em montar um local com mesas e cadeiras para atender clientes ali mesmo. Alguns verdes usados na produção dos temperos são fruto da própria horta construída na área ao ar livre do imóvel. “Eu sempre cozinhei para os amigos e para a família. Virou um hábito tão forte que um dia um deles pediu para fazer o bufê de um evento. Acabou que um dia fiz um jantar para 70 pessoas, com mesas cheias de finger foods – que foram muito elogiados, depois, uma jantar de casamento, mais tarde um réveillon… daí não parei mais”, comemora Bal. Além da experiência adquirida na prática com os amigos e familiares, Bal decidiu agregar valor a sua carreira de chef de cozinha. Ela fez uma das primeiras pós-graduações de gastronomia no RN, há 10 anos.

Ceviche de peixe branco com frutas tropicais

Siri gratinado

Babalu Comidinhas Deli Cozinha Artesanal @babalucozinha Fone: (84) 99102-2029

Nosivalda Maria de Oliveira criou a marca Babalu

Deguste | Janeiro | 2020

44


Saberes do Vinho (secos) com entradas, antepastos leves e até mesmo com pratos principais de frutos do mar e pescados. Todavia, a diversidade é o ponto alto deste tipo de vinho que pode acompanhar uma refeição do início ao fim, e esta é a deixa utilizada pelos enófilos mais experientes, quando da sua apreciação. Os grandes apreciadores, conhecedores do potencial deste vinho sempre consideram que toda essa diversidade corrobora com as inúmeras e diversas situações de harmonização. Para eles, os espumantes Brut, produzidos pelo método Charmat, mais frescos, leves e frutados, brancos ou rosados, são vinhos aperitivos (que abrem o apetite), e além de servirem para bebericar sem qualquer compromisso nos dias quentes, formam também um par perfeito com as saladas, entradas e iguarias leves apreciadas como aperitivo. O Brut ou Extra Brut brancos e rosados, elaborados pelo Método Champenoise (método de espumatização do Champagne) com maturação sur lie (sobre as leveduras) longa ou curta, são a seu tempo ideais para acompanhar os pratos mais importantes de uma refeição (pratos principais), quais sejam pescados, frutos do mar, carnes brancas, massas com molhos vermelhos e até carnes vermelhas. Mas há, ainda, os raros espumantes tintos que acompanham bem feijoada, carnes vermelhas, risotos de carnes e fungh, entre outros. E os Moscateis ou vinhos espumantes doces que são perfeitos como digestivos leves no acompanhamento de sobremesas igualmente leves à base de frutas tropicais, sorvetes, tortas, bolos e panetones tão comuns nessa época. Vê-se por esta descrição que a versatilidade desse tipo de vinho é um ponto positivo, facilitando muito o ato de presentear, uma vez que, além de plural na diversidade o é também no preço.

Gilvan Passos

Presenteando com Vinhos Espumantes Instagran: gilvandelospassos

Inicialmente, cabe dizer que o Espumante é um tipo de vinho, e, portanto, deve-se chamá-lo de vinho espumante. Este é, sem dúvida, o tipo de vinho mais consumido durante as festividades de final de ano. O vinho espumante, apesar de ser um vinho para todas as ocasiões, ainda está no inconsciente coletivo dos apreciadores como um vinho de celebração, destinado excepcionalmente para os momentos festivos, as celebrações, comemorações e confraternizações. Poucos percebem a versatilidade desse tipo de vinho, que pode ser elaborado com diversas castas, por diversos métodos de espumatização, em diversas denominações de origens pelo mundo, com misturas ou não de safras, e em diversos estilos e sabores, indo do mais seco: Nature, aos mais doces: Moscatel. Para presentear um bebedor iniciante, ainda não totalmente afeito ao paladar dos vinhos secos, a melhor alternativa talvez sejam os espumantes doces como o italiano Asti, o Moscatel brasileiro, Demi-Sec em geral, e mesmo os frisantes (com menos gás) abboccato (suaves) da Itália. Já os bebedores iniciados costumam apreciar os espumantes doces em geral com sobremesas, que é o propósito maior de existência destes vinhos, e os Brut

Deguste | Janeiro | 2020

46


47

Deguste | Janeiro | 2020


Deguste | Janeiro | 2020

48

Profile for Revista Deguste

Revista Deguste - Janeiro 2020  

Revista Deguste - Janeiro 2020  

Advertisement