Page 1

1

Deguste | Setembro | 2019


Deguste | Setembro | 2019

2


3

Deguste | Setembro | 2019


Deguste

Espaço do Leitor “Toma conselhos com o vinho, mas toma decisões na gastronomia do Rio Grande do Norte com a revista Deguste, sucesso absoluto há 14 anos”. José Raphael Pérez Bedregal - Servidor Público Federal Barro Vermelho - Natal/RN

GASTRONOMIA

Setembro de 2019 - ano 15 - edição 170

14

A Deguste é uma caixinha de surpresa todos os meses, com matérias bem escritas e lindas fotos. Parabéns para toda a redação dessa prestigiada revista. Camilla Araújo - Empresária Tirol - Natal/RN

Potigures tem caranguejo toda quarta e quinta

Para os amantes da boa gastronomia, a leitura da Deguste é obrigatória. Todos os meses, a revista nos presenteia com muitas das novidades que acontecem na enogastronomia potiguar. É difícil ficar em casa depois de ler a Deguste! Paulo Costa da Silva - Professor Ponta Negra - Natal/RN

16

Kalaz contrata chef Jailton Rodrigues para incrementar menu

Leitor premiado

24

Sebrae Terroir será uma das atrações da Festa do Boi

10 Natal terá edição do Decanter Wine Day em outubro 12 Os 10 anos do restaurante Gostoso Sabor 18 A aconchegante Pousada Pomar na Pipa

20 Restaurante Tui Tui inaugura em Candelária 26 Conceito Doces consolida-se em Natal

Essencial que exista uma revista como a Deguste para nos direcionar sobre o que há de melhor na culinária potiguar. A revista nos surpreende com a qualidade de suas matérias, imagens e dicas preciosas para aqueles que querem desfrutar de uma experiência gastronômica nos restaurantes mais conceituados do Estado. Renann de Carvalho Holanda Leite - Advogado Lagoa Nova - Natal/RN

28 Região da Provence é tema de curso de vinho

32 Don Matias promoveu evento para convidados 40 O personal trainner que virou confeiteiro Seções

05 Pelos Restaurantes 30 Papo Café 36 Opinião 46 Saberes do Vinho

Deguste | Setembro | 2019

Nossa Capa

Capa: Tacho de Pescador do La Bodega Bistrô

Foto: Rogério Vital

4

O advogado Renann de Carvalho Holanda Leite foi escolhido o Leitor do Mês da Revista DEGUSTE e, como brinde, recebeu de Simone Albuquerque, consultora do Magazzino Vinhos & Cozinha, patrocinador desta seção, o vinho tinto português Portas do Sol 2017, da Região do Tejo.


Pelos Restaurantes...

Kozmopolit Luís Benício Tavares Siqueira tbenicio@uol.com.br

convida chef Ricardo Rudney para assinar jantar

O Kozmopolit Restaurant & Club convidou o chef Ricardo Rudney para assinar um jantar na casa no próximo dia 13 de setembro (sexta-feira), a partir das 21h. É o segundo evento nesses moldes no “Kozmo”. A proposta traz novos sabores para o frequentador do restaurante. A estreia aconteceu em junho, com o chef Lorenzo Mancini, do Bistrô 70 m², em São Miguel do Gostoso, e foi um sucesso. O empresário Sérgio Lobo, que está à frente do Kozmo, explica que o convite para participar do jantar seguirá com o mesmo valor: R$ 125,00 por pessoa. As reservas devem ser feitas pelo telefone (84) 99916-9926. Ricardo Rudney é proprietário do restaurante Aprecíe, na Pipa, onde explora cozinhas do Mundo. Essa marca é o que ele também pretende oferecer durante o jantar no Kozmopolit. “Agrada-me a ideia de levar o Aprecíe para fora da Pipa”, diz o chef, que estreará nesse tipo de evento em Natal. Nesse jantar, Ricardo Rudney vai preparar um menu de cinco etapas, sendo duas entradas, dois pratos principais e uma sobremesa. ”Procurei montar pratos bem distintos uns dos outros”, explica. O passo inicial do jantar será um ragu de rabada com funghi, servido com polenta cremosa. No

Rudney: menu do Aprecie em noite especial no Kozmopolit

segundo tempo, os convidados vão degustar uma salada de polvo com vinagrete, rúcula e batatas, servida com focaccia. Para a terceira e quarta etapas, o chef vai oferecer filé mignon com pesto de tomate seco, vinagrete e crouton de cogumelos, e camarões salteados sobre salada de quinoa, abacate e molho de iogurte. Um creme de laranja em massa choux, servido com gelatina de tomilho e pó de shitake fechará a noite. Durante o jantar, mantendo a tradição do Kozmo, haverá música ao vivo com um dueto de Jazz.

Jantar assinado por Ricardo Rudney Onde: Kozmopolit Restaurant & Club, no Tirol Quando: dia 13 de setembro, às 21h Quanto: R$ 125,00 por pessoa Reservas: (84) 99916-9926

5

Deguste | Setembro | 2019


Confiança! Da Redação

Esta edição da DEGUSTE traz o relato de cerca de 100 rótulos de vinhos de 11 países uma experiência interessante que está se diferentes. desenvolvendo na Central de Comercialização Outra notícia interessante é a que mostra a da Agricultura Familiar no bairro Lagoa Nova, grande reforma feita no restaurante do SESC da nas imediações da Ceasa. Dono de propriedade Avenida Rio Branco, equipamento que serve mil rural em Ceará-Mirim, o empreendedor refeições por dia no horário do almoço e conta Marinho Sousa não dispõe de tempo para ficar com uma interessante cafeteria. no seu box de vendas. Diante disso, decidiu O Kalaz, um dos melhores self-services da investir na relação de confiança com os clientes. Zona Sul de Natal, investiu na contratação de As pessoas passam, escolhem os produtos na um novo chef de cozinha e quer reforçar sua prateleira, e, mesmo sem atendente, pagam o presença de mercado. valor da compra deixando o dinheiro em uma O La Bodega Bistrô, um dos lugares mais caixinha ou fazendo a transferência bancária interessantes da gastronomia contemporânea para a conta da empresa. Por incrível que de Natal, completou 5 anos agora em 2019. A pareça, a experiência está dando muito certo. casa tem sua história retratada também neste O Kozmopolit deu início a uma sequência de número da DEGUSTE. jantares especiais que estão valorizando as noites Você vai gostar de apreciar várias outras da gastronomia de Natal. Localizado na avenida novidades da gastronomia potiguar que estão Hermes da Fonseca, quase em frente à Escola incluídas ao longo de nossas páginas. Doméstica, funcionando como um espaço misto Viva setembro! Saboreie a DEGUSTE com de boate e restaurante, a casa é um dos melhores sossego e prazer. endereços do público exigente que gosta de glamour, comida de alto padrão e música animada. O empresário Sérgio Lobo idealizou jantares com chefs convidados e também já realizou uma noite com o chef residente, Arthur Coelho. Neste mês de setembro, Sérgio está realizando mais uma edição, com o chef Ricardo Rudney, do restaurante Aprecie, na Pipa. Uma notícia para ler e anotar na agenda é a data do Decanter Wine Day, que será realizado no mês de outubro em Natal com Washington Rodrigues Luís Benicio T. Siqueira

Diretor de Redação

Diretor Executivo

Av. Jaguarari, 4990, Lj 28 - Lagoa Nova - Natal/RN - CEP 59054-500 - Fone: (84) 3234.5566 www.revistadeguste.com - Twitter: @revistadeguste - Facebook: Revista Deguste - Instagram: @revistadeguste Diretor Executivo Luís Benício Tavares Siqueira (84) 99174-5676 benicio@revistadeguste.com

Diretor de Redação Washington Rodrigues (84) 99904-9683 wrrodriguescom@yahoo.com.br

Jornalista Lucas Alencar lucasalencar@revistadeguste.com

Deguste | Setembro | 2019

Diretor de Arte Edílson Martins de Araújo edilson.martins1@gmail.com

Comercial (comercial@revistadeguste.com) Nilton Baresi (84) 99607-6810 nilton@revistadeguste.com

Nicolas Rombotis (84) 99907-6444 nicolas@revistadeguste.com

Redação redacao@revistadeguste.com

Revisão Rejane Souza

Fotografia Rogério Vital vitalrogerio1@gmail.com Colaboradores Arthur Coelho Gilvan Passos Ricardo Sousa

Revista Deguste Gastronomia e Turismo é uma publicação mensal da Deguste Comunicação, Assessoria e Marketing Ltda. Tiragem 5 mil exemplares

6


7

Deguste | Setembro | 2019


La Bodega Bistrô Um renovado

Em junho passado, o La Bodega Bistrô comemorou aniversário de cinco anos. Mas o presente ficou para os seus clientes. O restaurante foi totalmente remodelado, desde a fachada à ambientação do salão, e o cardápio ganhou novos sabores. A nova roupagem dada ao restaurante foi conduzida por Patrícia Medeiros, que é a proprietária ao lado do marido, o chef Carlúcio Vieira. Ela apostou no clássico, com novos papéis de parede, que deixaram o ambiente mais sóbrio e ao mesmo tempo leve. O bistrô comporta até 50 pessoas confortavelmente. Patrícia se inspirou em bistrôs da França. E, de fato, o repaginado La Bodega se assemelha a algumas casas gastronômicas parisienses. A fachada ficou muito bonita, em sintonia ao apresentado no salão. Os cinco anos do bistrô também mostram a evolução do lugar, sobretudo, em relação à gastronomia. O cardápio, assinado por Carlúcio Vieira, está cada vez mais contemporâneo, mas sem deixar de lado o uso de ingredientes regionais, uma marca do La Bodega Bistrô desde o seu início. “Pratos contemporâneos agradam mais os clientes”, acredita Patrícia Medeiros. O restaurante está consolidado no bairro de Lagoa Nova e tem clientela fiel. Alguns deles são frequentadores desde o primeiro mês de funcionamento. O chef Carlúcio Vieira apostou em três

Deguste | Setembro | 2019

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Camarões salteados na manteiga clarificada com legumes da estação

Patrícia Medeiros e Carlúcio Vieira estão sempre renovando o Bistrô

8


Salada morna de camarão, lula e polvo

Mexilhões, filé de camarão e lulas salteados na manteiga e espumante brut com pães aquecidos e chips de batata doce

pratos novos na última renovação que fez no cardápio: “O Tal do Filé” (filé mignon grelhado, banhado por rôti de rapadura e acompanhado de risoto de açafrão e legumes da época), “Tacho de pescador” (mexilhões, filé de camarão e lulas salteados na manteiga clarificada e espumante Brut, acompanhado de pães aquecidos e chips de batata doce) e “Camarão de Trattoria” (filés de camarão no azeite, bacon, queijos selecionados, massa fresca e molho de tomate, acompanhado de farofa de azeitona), que estão sendo muito bem aceitos. Outros pratos da casa também ganharam releituras, como é o caso do Filé Avenida. Para os apreciadores de menu degustação, o La Bodega Bistrô, agora, conta com duas opções durante a semana, de terça a quinta-feira. Um dos menus tem quatro passos (R$ 79,00) – com duas entradas, um prato principal e uma sobremesa, e outro, cinco (R$ 128,00) etapas, com duas entradas, dois pratos principais e uma sobremesa. A reportagem apreciou alguns dos pratos que compõem o menu, como uma salada morna de camarão, lula e polvo, um pato confitado ao molho de cogumelos, acompanhado de purê de jerimum, e um bolo morno de chocolate, caramelo salgado, farofa e gelatto de gengibre. O La Bodega Bistrô tem sugestão de vinhos para harmonizar os menus. A carta dispõe de cerca de 40 rótulos dos catálogos das lojas Magazzino Vinho & Cozinha e Adega São Cristóvão. O funcionamento da casa é a partir das 18h30, de terça-feira a sábado.

Pato confitado, purê de jerimum e molho de cogumelos frescos

Mil folhas de batata doce, carne de sol desfiada e catupiry

La Bodega Bistrô

Av. Miguel Castro, 1109 (esq. com a Rua São José) Lagoa Nova - Natal/RN Fones: (84) 3234-0378 / 99150-7203 @labodegabistro /La-Bodega-Bistro

9

A nova fachada do La Bodega Bistrô

Deguste | Setembro | 2019


Canessa & Montanares traz de volta Decanter Wine Day para Natal

Evento terá mais de 100 rótulos de 11 países diferentes para degustação

Rótulos da Decanter ganham visibilidade com o Wine Day

O Decanter Wine Day, grande evento com degustação de vinhos da importadora Decanter, voltará a ser realizado em Natal. Vai acontecer no dia 04 de outubro, uma sexta-feira, das 18h às 22h, no Hotel-Escola Barreira Roxa, na Via Costeira. O evento retorna a cidade por meio da parceria entre a importadora e a loja de vinhos Canessa & Montanares, distribuidora exclusiva da empresa no Rio Grande do Norte. O empresário Luis Montanares, dono da loja e que está à frente da organização do evento, espera reunir até 300 pessoas no Decanter Wine Day em Natal. Mais de 100 rótulos de vinhos, de 11 países, serão colocados em degustação durante o evento, que tem como objetivo a divulgação do portfólio da importadora. A seleção terá vinhos de produtoras famosas, como Ferrari, Pio Cesare, La Gardine, De Martino, Riglos, Luigi Bosca e El Principal. Muito prestigiado, com edições nas principais cidades brasileiras, o Decanter Wine Day acontece em clima de informalidade, com os participantes circulando e degustando vinhos expostos em ilhas. Também é possível bater papo com produtores, sommeliers e executivos do segmento. Na edição em Natal, estão confirmadas as presenças de Maximiliano Toso, diretor executivo da vinícola Riglos, Cristián Castro, diretor de exportação da vinícola De Martino, Katty Duarte, embaixadora da Agrícola Felline, Paula Ramalho, diretora nacional de vendas da Decanter, e Gustavo Cunha, sommelier da Decanter. Para harmonizar os vinhos, o Decanter Wine Day vai oferecer uma farta mesa com pães, frios e antepastos com assinatura da Platter For You. Os convites para participar do evento estão à venda por R$ 299,90 na Canessa & Montanares, em Petrópolis - há um lote especial no valor de R$ 149,90, disponível até dia 07/09 ou enquanto durar o estoque. Os participantes ganham uma taça de cristal, além de descontos especiais para compra de vinhos no local. Decanter Wine Day-Natal

Luis Montanares está à frente Decanter Wine Day em Natal

Deguste | Setembro | 2019

10

Quando: dia 04 de outubro, às 18h Quanto: R$ 299,90 (individual) Vendas: Canessa & Montanares e Sympla Fone: (84) 2020-6482 ou 99653-0504 @canessaemontanares


11

Deguste | Setembro | 2019


FOTOS ROGÉRIO VITAL

10 anos de Gostoso Sabor O menu tem pratros leves servidos com peixes

Diariamente, o restaurante ofecerece mais de 50 pratos....

forró para animar a noite e fechar a comemoração em grande estilo. Dias antes, como forma de valorizar e reconhecer o trabalho de seus 25 colaboradores, o Gostoso Sabor promoveu uma confraternização interna que, além de muita descontração e animação, promoveu o Concurso Culinário dedicado a todos os seus colaboradores internos. O concurso teve como resultado final três ganhadores que, além de um prêmio especial, terão seus pratos incluídos no cardápio da casa. O Gostoso Sabor tem gestão familiar. É administrado por Edineide Fernandes, a Dona Neide, natural de Santana do Matos, no interior do Rio Grande do Norte – responsável pelo início de tudo – e os filhos Marcus e Nathália Dantas. Os filhos, orgulhosos pela história vencedora, iniciada pela mãe, atribuem o sucesso do Gostoso Sabor à proposta de oferecer comida de qualidade com bom custo-benefício e atendimento acolhedor. Além de todo o carisma de Dona Neide, fator marcante ao longo de toda essa história, que conquista desde seus colaboradores, fornecedores e, cada vez mais, clientes. Esperamos juntos contribuir cada vez mais para que essa história perdure por muitos e muitos anos, contam

Uma história de trabalho, dedicação e muita comida boa

O restaurante Gostoso Sabor, um dos mais tradicionais e frequentados do bairro de Neópolis, na zona sul de Natal, completou dez anos de história no mês de agosto. A data foi marcada por celebrações com sua equipe de colaboradores e com os clientes. A semana de aniversário do Gostoso Sabor foi movimentada. No dia em que se comemora a inauguração, 16 de agosto, o restaurante ofereceu um dia de cuidados especiais aos seus clientes, onde aqueles que passaram por lá neste dia desfrutaram dos serviços de massagens, lavagens de carros (em parceria com a Clincar Lavajato) e muito

Restaurante tem como política valorizar seus colaboradores

Deguste | Setembro | 2019

12

No aniversário do...


... da culinária regional com um toque contemporâneo

Comida regional tem muita saída entre os clientes

Marcus e Nathália. A clientela fiel é um dos principais trunfos da casa. “Sabemos que os nossos clientes é que fazem a casa melhorar todos os dias com os feedbacks e parceria. São eles que divulgam o restaurante! Alguns nos acompanham, desde o início, viram nossa evolução até os dias de hoje”, conta Edineide Fernandes. Desde que foi inaugurado, o Gostoso Sabor aposta no sistema self-service no almoço e no jantar, além da opção de serviço de marmitaria servida no almoço de segunda a sexta-feira, exceto feriados. São mais de 50 pratos no buffet diariamente, além de churrasco no almoço, enfatizando a comida brasileira e regional. O funcionamento é das 11h às 15h e das 17h às 21h, de segunda a sexta-feira, e das 11h às 15h, aos sábados, domingos e feriados. E não para por aí: Até 2020, o Gostoso Sabor dará início a sua segunda grande reforma. O projeto, assinado pela Arquiteta Viviane Teles, busca, além de otimizar sua área de atendimento, trazer para seu cliente um ambiente ainda mais confortável e acolhedor. A reforma também contempla a melhoria de um estacionamento, etapa esta que já foi efetivada e as novas 23 vagas já estão disponíveis para os clientes.

...Gostoso Sabor houve um concurso gastronômico

Restaurante comemora 10 anos com muito sucesso em Neópolis

13

Restaurante Gostoso Sabor Av. São Miguel dos Caribes, 4448 Neópolis (Conj. Pirangi) - Natal/RN Fone: (84) 3217-0949 @gostososabor /restaurantegostososabor

Deguste | Setembro | 2019


Potiguares tem caranguejo às quartas e quintas-feiras

As quartas e quintas-feiras do restaurante Potiguares, em Lagoa Nova, estão ainda mais natalenses após a inserção de caranguejo em seu cardápio, crustáceo que o morador da capital potiguar, em geral, tem muito apreço. O restaurante oferece caranguejo feito no coco, em porção com três unidades, que vão à mesa do cliente acompanhadas de farofa e um caldinho do crustáceo. O combo sai por apenas R$ 10,00. Um delicioso pirão de caranguejo também pode ser pedido por um valor adicional. O serviço acontece a partir das 17h e segue até a meia-noite. Famoso pelos seus pratos com carne, o Potiguares também tem investido em preparações com frutos do mar. Um prato com cioba frita (servida com arroz, feijão verde, farofa, macaxeira frita, vinagrete e salada) e o Camarões à Potiguares são muito pedidos na casa. O Potiguares acabou de estrear um novo cardápio. Vale destaque para um sirigado grelhado na brasa ao molho de alho e salsa (acompanha arroz e legumes). Com carne bovina, a proprietária Alcione Araújo aposta no sucesso do prato Vitelinha (carne guisada com legumes, acompanhados de arroz, feijão preto, vinagrete e farofa). O cardápio dispõe, ainda, de petiscos variados, uma completa carta de drinks, com mais de 15 opções, e sobremesas. Próximo de completar cinco anos, o restaurante é um dos que oferece grande estrutura em Natal. São dois salões – um deles climatizado – que comportam até 300 clientes por vez. Há, ainda, uma ampla brinquedoteca (com monitoria) e estacionamento próprio com serviço de manobrista. Aos domingos, no horário de almoço, tem música ao vivo. com samba e MPB na casa.

Camarão à Potiguares

Deguste | Setembro | 2019

14

Novos pratos no Potiguares de Lagoa Nova

Uma das maiores estruturas de Lagoa nova

Potiguares Bar e Restaurante Rua dos Potiguares, 2394 Lagoa Nova - Natal/RN Fone: (84) 3301-3331 @potiguares_restaurante

Restaurante é equipado com uma ampla brinquedoteca


15

Deguste | Setembro | 2019


Kalaz

contrata chef Jailton Rodrigues e fortalece cardápio FOTOS ROGÉRIO VITAL

Atento às demandas dos clientes e à dinâmica do mercado, o Kalaz Restaurante contratou o chef Jailton Rodrigues para a sua equipe de cozinha. Há dez anos no mercado, o profissional chega com a missão de fortalecer o cardápio da casa, diversificando os pratos oferecidos no bufê. O empresário Ricardo Calazans, que está à frente do restaurante, aponta que o trabalho de Jailton agrega produtos regionais às preparações de cozinha internacional do estabelecimento. Jailton Rodrigues chegou há dois meses no Kalaz e está no comando da cozinha de forma permanente, visando ao longo prazo. Dentre os pratos incorporados ao cardápio pelo chef, Ricardo destaca um pernil de cordeiro com legumes e um camarão na moranga. A parte de proteínas, aliás, é uma das que mais o chef tem focado no momento, além de otimizar acompanhamentos já existentes. Está sendo incrementada, ainda, a parte de grelhados. Cortes como picanha nobre e alcatra com queijo são novas opções. Ricardo Calazans mostra-se satisfeito com o andamento do trabalho. Avanços já foram identificados. “O nível do nosso delivery aumentou, e a aceitação do público está ótima”, conta o empresário, ressaltando que a proposta do Kalaz é promover uma “alimentação equilibrada e diversificada”. O Kalaz oferece pratos executivos personalizados no delivery: o cliente faz a escolha de uma proteína e de quatro acompanhamentos. Com cozinha exclusiva para o serviço, a entrega dos pedidos é rápida. Em locais mais próximos do restaurante, o tempo de atendimento chega a ser inferior a 30 minutos. E os pedidos são atendidos pelas plataformas digitais iFood, Uber Eats e Rappi. No momento, disponível apenas no almoço, o delivery deverá ser oferecido, em breve, no horário do jantar.

Chef Jailton Rodrigues (e) foi contratado por Ricardo Calazans

Pernil de cordeiro com legumes é novidade no Kalaz

Kalaz Restaurante

Rua Ataulfo Alves, 1884 Candelária - Natal/RN Fones: (84) 3234-0933 | 99999-9993 @kalazrestaurante Kalaz Restaurante

O restaurante oferece muitas opções de sobremesa

Deguste | Setembro | 2019

16


17

Deguste | Setembro | 2019


Pousada

Pomar da Pipa

Tranquilidade, intenso contato com a natureza e, ao mesmo tempo, localizada no meio do “burburinho” da Praia da Pipa. É o que oferece ao turista do destino à Pousada Pomar da Pipa, que funciona desde o início da década de 1990. O empreendimento fica na Rua da Mata, a 200 metros da Praça do Pescador e a 300 metros da praia. Conta com sete confortáveis acomodações, sendo quatro standard e três de luxo. Outra deverá ser erguida em breve. A Pousada Pomar da Pipa é administrada, há um ano e meio, pelo casal Luiz Roberto Hartl de Mendonça e Luciana Ieda Rios de Mendonça. Naturais de São Paulo, eles vivem em Tibau do Sul há 15 anos e já trabalhavam com turismo antes de arrendarem a pousada.

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Luciana e Luiz Mendonça administram a pousada

Área agradável para churrascos

Deguste | Setembro | 2019

18

A pousada é bem cuidada em meio a muitas plantas


Os hóspedes têm a disposição vários tipos de pães

A pousada serve diariamente um chá da tarde

O café da manhã é caprichado e oferece muitas opções

São muitas as guloseimas

Desde que assumiram o negócio, os empresários apostam em formas de melhorar a estada dos hóspedes. Os quartos ganharam upgrade (TV e frigobar) e foram criadas áreas comuns – de leitura e uma cozinha com churrasqueira, para aqueles que desejam aproveitar a estrutura da pousada. Outro diferencial da Pomar é um chá da tarde, oferecido diariamente no restaurante, que é cercado pela natureza. Assim como todos os quartos, o nome pomar não é por acaso: o que não faltam são áreas verdes com árvores frutíferas. Em determinadas épocas do ano, os hóspedes podem desfrutar de várias frutas, como manga, graviola, acerola e caju. Além de mel, de abelhas sem ferrão, cultivadas na própria pousada. O chá vespertino é apenas um aperitivo do que a Pomar da Pipa serve diariamente pela manhã: um farto café, com ampla variedade de itens regionais, como bolos, pães, cuscuz, queijos, além de tapiocas e ovos preparadas na hora. A boa hospitalidade é uma marca que os proprietários fazem questão de disponibilizar. O próximo passo, segundo Luiz Roberto, é abrir o restaurante da pousada para jantar na noite. Inicialmente para o hóspede e, no futuro, para o público da Pipa. A Pousada Pomar da Pipa tem site próprio para reservas (www.pousadapomardapipa.com.br) e também está – com ótimas avaliações – nas principais plataformas digitais de reservas hoteleiras, como Booking, Expedia e Decolar. Pousada Pomar da Pipa Rua da Mata, 222 Praia da Pipa - Tibau do Sul/RN Fones: (84) 3246-2696 | 99200-7781 @pomardapipa www.pousadapomardapipa.com.br

A boa variedade de frutas

19

Área aberta onde o café da manhã é servido

Deguste | Setembro | 2019


Tui Tui Coisas da Terra FOTOS ROGÉRIO VITAL

Tui Tui tem salão para receber até 50 clientes

Uma boa novidade do mercado gastronômico de Natal foi a inauguração, em meados de agosto, da Tui Tui Coisas da Terra, em Candelária, uma loja de produtos regionais que agrega o serviço de restaurante na operação, além de cafeteria, tapiocaria, mercearia e venda de açaí. O estabelecimento é um investimento do empresário João Manoel Carvalho e o filho, André Lins Carvalho, fundadores do Empório Papa Capim, um sucesso na cidade com três unidades muito bem estabelecidas. A experiência de sete anos no Papa Capim alertou os empresários sobre a possibilidade de oferecer um empório com restaurante. E, assim, eles idealizaram o Tui Tui Coisas da Terra. Nos primeiros 30 dias de funcionamento, em fase de testes, o Tui Tui ofereceu almoço em sistema self-service e, no horário do jantar, sopas. Mas a pretensão dos proprietários é abrir, também, para café da manhã ainda neste mês de setembro. O salão comporta cerca de 50 pessoas. O bufê do almoço contempla pratos regionais com tempero caseiro, como paçoca, carne de bode, feijoada, galinha caipira, creme de macaxeira, creme de queijo, feijão verde e farofa d’água, e saladas com hortaliças orgânicas, além de sobremesas. Aqueles que preferem uma refeição mais light, podem combinar as saladas com proteínas – frango ou carne – feitas na chapa, ressalta João Carvalho. O mix do empório traz produtos regionais direto do Seridó, como cachaças, carne de sol, rapadura, biscoitos e doces, por exemplo. Tui Tui Coisas da Terra fica na Avenida Prudente de Morais e abre de domingo a domingo, das 11h às 19h (em soft opening). Quando disponibilizar café da manhã, funcionará a partir das 7h.

Saladas do restaurante são preparadas com produtos orgânicos

Restaurante também oferece boas opções de sobremesa

Tui Tui Coisas da Terra Av. Prudente de Morais, 6332 Candelária - Natal/RN Fone: (84) 2020-5515 @tuituicoisasdaterra

Deguste | Setembro | 2019

Bufê do almoço é recheado de pratos regionais

20


21

Deguste | Setembro | 2019


Deguste | Setembro | 2019

22


23

Deguste | Setembro | 2019


Terroir

FOTOS MORAES NETO

O camarão é um dos principais produtos do terroir potiguar

Queijos artesanais fazem parte do cardápio terroir potiguar

Deguste | Setembro | 2019

24

é receita de sucesso na Festa do Boi Pelo terceiro ano consecutivo o Sebrae do Rio Grande do Norte dará destaque ao espaço Sebrae Terroir, uma receita de sucesso que na Festa do Boi 2019 ganhará outros ingredientes com uma boa pitada de inovação e sustentabilidade. A festa acontecerá de 12 a 19 de outubro, no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, Região Metropolitana de Natal. Para a edição 2019 estão programadas 40 palestras técnicas e 24 oficinas gastronômicas ministradas por chefs potiguares, como Cacau Wanderley, Walter Dantas, Gabriel Camilo, Daniel Cavalcanti, Rodrigo Chibério, Adriana Lucena e Francisco Gasteasoro. A programação do espaço Sebrae Terroir funcionará das 14h às 22h, durante os oito dias da Festa do Boi, em Parnamirim. Segundo a coordenadora do Sebrae Terroir, Mona Paula Nóbrega, a ideia para esta edição é enfatizar, ainda mais, o terroir potiguar e seus atributos, destacando os Chefs nativos. “ A valorização do local, a sustentabilidade e a inovação serão os pilares do nosso espaço em 2019”, adianta Mona Paula. A analista técnica do Sebrae lembra que a organização do evento também está preparando uma espécie de manifesto, afim de que os potiguares se engajem e se identifiquem com a história que desperta a curiosidade sobre a origem e peculiaridades de cada produto terroir. O terroir é um termo francês que não tem tradução literal e pode ser entendido como uma região demarcada com características próprias de um lugar, seu clima, sua natureza e sua geografia de onde germinam e fazem

Ostras orgânicas produzidas em...


Produtores expõem seus produtos terroir no espaço do Sebrae

Oficinas gastronômicas atraem profissionais e curiosos no tema

O evento Sebrae Terroir tem um grande apelo gastronômico

Fazenda Sebrae é uma das principais atrações da Festa do Boi

brotar um alimento peculiar. Além disso, conectam o lugar, seu povo e suas técnicas para o cultivo e produção de determinados alimentos de forma ímpar, com raízes culturais e identidade ímpar. Como atração internacional, o Sebrae Terroir contará com a presença do pesquisador português Nuno Nobre, que estuda o impacto social dos produtos terroir nas comunidades. Referência nacional no mercado de orgânicos, o especialista Joe Valle, da Fazenda Malunga, proferirá uma palestra magna no evento. O espaço Sebrae Terroir terá exposições de produtos como queijos artesanais, meles, flor de sal, castanhas, cervejas artesanais, entre

outros, todos produzidos no Rio Grande do Norte. A aproximação entre produtores e potenciais compradores será através da participação em rodadas de negócios, realizadas diariamente. Na Fazenda Sebrae a novidade deste ano é a demonstração de como se produz o queijo artesanal numa queijeira padrão instalada durante o XV ENEL, ocorrido no início de agosto último. A programação com todas as atividades do Sebrae Terroir pode ser conferida no site www.rn.sebrae.com.br/terroir, Sebrae Natal aonde também é possível fazer Av. Lima e Silva, 76 Lagoa Nova - Natal/RN inscrições ou também através 0800 570 0800 0800 570 0800.

...Tibau do Sul estarão no terroir

Meles de apiários do RN estarão na Exposição de Produtos Terroir

25

Deguste | Setembro | 2019


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Conceito Doces

Empresa tem mix com mais de 30 sabores de brigadeiros e brownies em taça

O crescimento da Conceito Doces a levou para cidades vizinhas da capital e no litoral Sul. A empresa conta com uma estrutura própria para produção e emprega quatro pessoas. A pretensão de Elaide é expandir o negócio para fora do Estado. Outro plano para curto prazo é entrar no “mundo fit”, oferecendo doces voltados para esse público, como brigadeiro de whey protein.

De olho no potencial do mercado gastronômico, em 2016, a gestora ambiental Elaide Almeida apostou no segmento com a criação da Conceito Doces. A marca foi rapidamente aceita pelo natalense e, hoje, é uma das mais bem avaliadas na capital potiguar, com cerca de 200 clientes. O investimento aconteceu após Elaide se especializar em confeitaria e panificação. Ela começou fazendo brigadeiros tradicionais e, depois, refinando o produto e diversificando sabores. Atualmente, são mais de 30 opções, inclusive alguns mais exóticos, como brigadeiro de whisky, de caipirinha e brownies em taça. Os brigadeiros que mais saem são o tradicional, o de ninho com Nutella, o de churros e o de Kit Kat. Para se diferenciar no mercado, a Conceito utiliza matérias primas de alta qualidade. “Nosso chocolate é 100% cacau”, exemplifica Elaide Almeida. Todos os doces também são livres de farinha de trigo. A Conceito Doces atende restaurantes, cafeterias, padarias e até outros estabelecimentos, que não são do segmento, como barbearias. Além disso, sob encomenda, faz mesas de doces para casamentos, batizados e outras festas sociais.

Deguste | Setembro | 2019

Elaide Almeida comanda a Conceito Doces

26

Conceito Doces

Fone: (84) 99924-2402 @conceitodoces


27

Deguste | Setembro | 2019


Provence Curso Especialização

chega a Natal

As aulas são ministradas Natal receberá, no próximo durante um único dia, das 9h dia 14 de setembro, o curso Especialização Provence, que às 17h, porém, um material de estudo é enviado com conta com certificação antecedência para internacional. As aulas serão preparação. “Recomendamos no restaurante Dois Vinho & 10 horas de estudos prévios”, Gastronomia, no Tirol. O curso é oferecido pela explica Rafael Puyau. Os alunos são submetidos, empresa Chez Puyau Educação ao término do curso, a uma em Bebidas, sediada no Rio de avaliação. Se aprovados, Janeiro e comandada pelo recebem a certificação. Mais enólogo Rafael Puyau. Ele tem de 40 pessoas em todo o o título de Expert des Vins de Brasil já foram intituladas Provence pelo Conseil Expert des Vins de Provence Interprofessionnel des Vins de após participarem da Provence – CIVP e está especialização. habilitado a certificar alunos As inscrições estão abertas no Brasil. no link bit.ly/evpinscricaorn, Enófilos e profissionais de mediante pagamento de taxa A&B são o público alvo da de R$ 1.250,00, que pode ser Especialização Provence. parcelada em até quatro vezes Os participantes do curso no cartão de crédito. Há fazem uma imersão ao mundo desconto de 5% para dos vinhos da Provence, com Rafael Puyau dará curso para amantes do vinho aulas que abordam os seguintes pagamento à vista. tópicos: História da Vitivinicultura; Localização e Clima; Especialização Provence em Natal Geologia, Topografia e Solos; Castas e Estilos de Vinhos; Quando: dia 14 de Setembro, das 9h às 17h AOCs e IGPs; Vins de Soifs e Vins Gastronomiques; Onde: Dois Vinho & Gastronomia Gastronomia da Provence e suas harmonizações. Além Quanto: R$ 1.250,00 Inscrições: bit.ly/evpinscricaorn disso, têm acesso a uma degustação de 12 rótulos Mais infos: (24) 99258-7842 dessa especial região francesa.

Durante o curso haverá degustação de 12 vinhos

Deguste | Setembro | 2019

28

Provence é uma das principais regiões produtoras de vinho


29

Deguste | Setembro | 2019


Papo Café Ricardo Sousa

O Espresso riccsb@gmail.com

Nascido na Itália, mas vem ganhando o mundo inteiro em pouco mais de um século de existência, o café espresso mostrou que chegou para ficar. A bebida cremosa, de sabor intenso e concentrado, é a mais consumida em todas as cafeterias do mundo, algumas especializadas apenas no seu preparo. Por sua popularidade, acaba, às vezes, menosprezado, mas na verdade um espresso perfeitamente extraído é algo mais complexo do que se imagina. A palavra espresso, com "S", vem do italiano e preserva a sua grafia original, da mesma forma que cappuccino, por exemplo. Era usada para designar qualquer bebida feita na hora para o cliente. Depois de 1901, quando Luigi Bezzera inventou a primeira máquina de café espresso, o termo começou a ser utilizado apenas se referindo ao café extraído daqueles tipos de máquinas. No começo, ainda eram bem diferentes das que há hoje. Somente em 1946, quando a fabricante Gaggia criou a primeira máquina capaz de extrair o café sob pressão, o café extraído passou a apresentar uma crema superficial no topo da xícara, deixando o cafezinho com a aparência mais parecida com a que observamos, atualmente, nas cafeterias. O café espresso, ao longo do tempo, passou por

Deguste | Setembro | 2019

30

vários testes, estudos e aprimoramentos de máquinas, moinhos e técnicas, até chegar ao nível do que há na atualidade, tendo em vista a descoberta de alguns fatores, para que a qualidade na xícara seja a melhor possível. Segundo a Specialty Coffee Association of America, um espresso é uma bebida de 30ml, que é preparada com 7g a 9g de café torrado e moído, sendo atravessado por água quente (de 88º a 92ºC), pressurizada de 9 a 10 atm. Claro que o barista pode modificar esses valores, se achar necessário, para que atinja o melhor sabor e respeitando a aparência da extração, que deve ter viscosidade semelhante à de mel quente e formar uma crema marrom e densa, podendo variar a cor, segundo o ponto da torra do grão. Como o espresso já sai praticamente na temperatura ideal a ser consumido, deve ser preparado e, rapidamente servido e logo degustado. O café que sai da máquina e que fica esperando em cima do balcão, por algum tempo, já perde muito a qualidade do que deve ser o ideal. As máquinas mais modernas de espresso, que têm a possibilidade de controle das variáveis citadas, permitem a retirada de um produto extremamente saboroso, e realçam todas as características do grão, além de preservar seus óleos essenciais e, ao mesmo tempo que exibem toda doçura, acidez, corpo e as notas aromáticas presentes. E realçam ainda mais qualquer defeito que possa existir no grão de café. Fato este que torna imprescindível a utilização de grãos de qualidade para o preparo do espresso, ou o resultado será uma bebida com gosto não muito agradável, ou aquém do que ela poderia ser. Por seu sabor mais intenso e praticidade, dentre todas as opções de extração de café, a bebida retirada da máquina não perde nunca o seu posto de mais pedida. Bons Espressos!


31

Deguste | Setembro | 2019


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Don Matias Matias Carvalho apresenta para a imprensa o Tomahawk

apresenta carnes premium em evento para convidados Em evento para convidados, o restaurante Don Matias Parrilla apresentou, no dia 08 de agosto, uma nova linha de carnes que a casa passa a disponibilizar ao seu cliente. Jornalistas e influenciadores digitais participaram do encontro, que teve degustação das carnes e guarnições, além de um vinho da importadora Licínio Dias, parceira do Don Matias. O empresário Matias Carvalho, que comanda o restaurante, foi o anfitrião da noite. Ele fez a apresentação de cada uma das novas carnes aos convidados e depois as serviu. A qualidade das carnes impressionou. O ponto alto foi a finalização de peças de Tomahawk, que Matias flambou com um maçarico. Na oportunidade, os convidados conheceram o sabor das carnes, assim como detalhes sobre a cadeia produtiva do gado que advém a proteína. As carnes premium são da Swift Black, marca da JBS com a qual a empresa busca a “melhor qualidade em maciez, acabamento de gordura e genética”. Da Swift Black, o Don Matias Parrilla trouxe para o mercado os cortes Tomahawk, Bife ancho, Bife de chorizo e Entraña (conhecido no Brasil como fraldinha de diafragma). O bife de chorizo da marca recebeu pontuação máxima no Superior Taste Award do iTQi (International Taste & Quality Institute). O restaurante oferece as novas carnes em porções de 250 g e 500 g, exceto o Tomahawk, que é servido em peça inteira de aproximadamente 1 kg. Pelas suas particularidades, esse corte precisa ser reservado pelo cliente.

Deguste | Setembro | 2019

Jornalistas conheceram em primeira mão os novos cortes

As carnes foram harmonizadas com vinho

Don Matias Parrilla

32

Av. Praia de Ponta Negra, 8888 Ponta Negra - Natal/RN Fone: (84) 3322-9800 @donmatiasparrilla Don Matias Parrilla


33

Deguste | Setembro | 2019


Borogodó com novos sabores em Gostoso Caçarola de frutos do mar com polvo, lula, camarão, lambreta, mexilhão e bacon

Panelinha de cogumelo shimeji e shiitake

FOTOS BENÍCIO SIQUEIRA

Berinjela defumada no missô com nata e castanha

O restaurante Borogodó, em São Miguel do Gostoso, acrescentou novos sabores ao seu cardápio. As seções de entradas e pratos principais foram contempladas. Uma das novidades é uma entrada vegana: berinjela no misô (mais aioli de manjericão e castanha de caju), incluída para atender a esse público, que tem sido cada vez mais frequentador do estabelecimento, de acordo com a proprietária Fabiana Dall’Onder. Mix do mar (lula, camarão, polvo e milho verde fresco), Camarão e arroz de coco (camarão com castanha de caju, banana da terra, queijo coalho de Caicó, arroz de coco e farofa crocante) são outros pratos que entraram no cardápio. Eles são servidos em charmosas panelinhas. Além disso, foi criada a entrada Lambe Lambe (vôngoles e mexilhão, alho e vinho branco). A cozinha do Borogodó é tocada pela chef Priscilla Jansen, sócia de Fabiana. As duas também comandam o Genesis, em Gostoso. Recentemente, o Borogodó passou por uma pequena reforma e o espaço foi redecorado. Ficou muito bonito. Sommelière, Fabiana Dall’onder preza por oferecer bebidas de qualidade, em especiais vinhos e cervejas. O Borogodó, agora, tem uma cerveja artesanal exclusiva. “É uma IPA de caju”, descreve Fabiana. Restaurante Borogodó

Reforma deixou o Borogodó muito mais bonito

Deguste | Setembro | 2019

34

Rua Praia da Xepa, 140 Centro - São Miguel do Gostoso/RN Fone: (84) 99932-2322 @restauranteborogodo


35

Deguste | Setembro | 2019


Opinião Arthur Coelho

chef-coelho@hotmail.com

a arte de encantar, será?

Culinária ou gastronomia:

que fideliza por estrelas, que prospecta a volta do consumidor, mediante o cenário “Instagramável”, do momento efêmero do registro fotográfico tendo em vista a postagem e da contagem dos “likes”. As memórias encantadoras e afetuosas parecem apagadas sistematicamente nesse mundo de circunstâncias instantâneas e furtivas, que são esquecidas já no próximo “flash”. Por que estamos nos perdendo e nos distanciando do ambiente maravilhoso dos sabores familiares, afetuosos, confortantes das nossas melhores memórias gastronômicas, produzidas pelas nossas avós, mães, pais, tias e tios, proporcionados nos almoços e encontros familiares em torno da mesa simples, porém farta, alegre, cheia de vida e de abundância de assuntos, diversidades, risadas e choros das lembranças dos últimos momentos daquele ente que partiu, ou casou, ou pariu, ou cozinhou aquele almoço nababesco? Ah! Essas memórias não são de saudosismo, mas sim de memórias que não podem se apagar por conta dos modismos, da louça exclusiva ou das estrelas estressantes dos guias midiáticos “digital influencers” ou “Instagramáveis”. Não estou sendo radical ou ortodoxo, entretanto quero deixar, aqui, uma reflexão sobre a obrigatoriedade de encantar, surpreender, modificar, reler ou reinventar aquilo que já marcou nossas vidas de forma tão saborosa, tão vívida, tão alegre e esperada como uma ceia de Natal ou abertura dos presentes no momento da festa de aniversário, simples, gostosa, alegre e cheia de vida!

Surpresas estão sempre no caminho de uma escolha culinária para uma degustação, seja ela despretensiosa ou totalmente programada para uma noite/dia soberbos. Os desafios, as técnicas, as tendências, o mercado, os profissionais, são varáveis intimamente ligadas nesse complexo mundo da culinária/gastronomia. A própria designação para o hábito de ALIMENTAR-SE, transforma esse momento que, inicialmente, é tratado pela Nutrição como “ato de nutrir-se é o fornecimento de macros e micronutrientes, fluidos ou não, para a manutenção do corpo humano saudável”. E, assim, o mundo da culinária/gastronomia transformou esse ato natural em uma corrida desenfreada na busca do encantamento, na inventividade, no design e na cerimônia cultural cultuada de formas diferentes. O “encantamento” tornou-se uma obsessão, uma caixa de Pandora. Uma luta incansável pela descoberta de novas técnicas, ingredientes, louças, soluções de alginato de cálcio, tubos de ensaios, nitrogênio líquido, óculos de proteção, pipetas e pinças cirúrgicas, como instrumentos essenciais para o momento obcecante do “encantamento”, da “surpresa”, do “design” e da fórmula perfeita para saciar a busca incessante da “receita perfeita”, do “prato estrelado Michelin”, dos troféus e das marcações nos livros da ditadura da moda gastronômica. Será que precisamos dessa “tortura” infindável? Será necessária essa parafernália, que nos deixa louco, buscando o “mercado do sabor milagroso inesquecível”,

Deguste | Setembro | 2019

36


Restaurante SESC Rio Branco

Reformado em março deste ano, o novo prédio do SESC da Avenida Rio Branco, na Cidade Alta, em Natal, é uma das melhores instalações do centro histórico da capital. Grande, bonito e moderno, o prédio abriga um restaurante e uma cafeteria, ambos emoldurados por uma biblioteca com vista para a belíssima paisagem da Ponte Newton Navarro, sobre o Rio Potengi. A Revista DEGUSTE fez uma visita às instalações do restaurante e da cafeteria. “Ficamos impressionados com a boa qualidade do equipamento”, dizem os editores da revista, jornalistas Benício Siqueira e Washington Rodrigues. O SESC Rio Branco é, provavelmente, o maior restaurante dos bairros da região comercial do cento de Natal e o mais moderno. Por dia, no horário do almoço, são servidas 1000 (mil refeições), principalmente a comerciários e empregados das empresas de serviços do entorno na Cidade Alta e Ribeira. No térreo, funciona uma bonita cafeteria, que é vinculada a uma biblioteca. Doces e salgados são vendidos a preços competitivos. O item mais festejado da casa é o chocolate quente, feito com muito boa qualidade e a preço convidativo. O diretor regional Fernando Virgílio, explica que o SESC tem uma função social de oferecer serviços e produtos para seu público alvo, formado, principalmente, por comerciários. Mas, o acesso é livre também para o usuário comum. Os preços no restaurante respeitam 4 hierarquias: R$ 0,99 /100g para comerciários, R$ 1,98 para empregados de empresas conveniadas sem ser do

Benício, Washington, Fernando e Cristina Rocha

Deguste | Setembro | 2019

FOTOS ROGÉRIO VITAL

Cafeteria tem doces variados e chocolate quente

comércio; R$ 2,97 para usuário que fizer o cartão do restaurante de forma individual; e R$ 3,96 para o usuário comum, que não tem cartão do SESC. O funcionamento é a partir das 11h até às 14h. De segunda a sexta-feira. A cafeteria tem horário estendido do almoço até às 19h. Possui cardápio com 40 itens entre lanches, sobremesas e cafés/sucos/vitaminas. O croissant, por exemplo, custa R$ 3,60 para o usuário comum, mas pode chegar a R$ 2,60 para os comerciários com a carteira do SESC. O chocolate quente, um dos Restaurante e Cafeteria itens mais SESC Cidade Alta Av. Rio Branco, 375 - Cidade Alta - Natal/RN procurados da Fone: (84) 3216-2400 cafeteria, custa @sescrn R$ 4,50.

38

Restaurante serve mais de 1000 (mil) refeições no almoço


39

Deguste | Setembro | 2019


Personal trainer vira confeiteiro e faz sucesso com a

Du Zé Brigaderia

O sabor do açúcar dos brigadeiros é menos pronunciado

Hevandro produz 700 brigadeiros por dia

um brigadeiro tradicional, feito com 70% de cacau, e a um brigadeiro de café, que leva 100% de cacau. O sabor de açúcar, em ambos, é menos pronunciado. Hevandro conta que buscou oferecer um doce mais leve. Ele segue as mesmas receitas até hoje, primando por ingredientes de qualidade superior. “E não mudarei”, afirma. Sazonalmente, também são oferecidas versões especiais de brigadeiro. Os brigadeiros “Du Zé” estão no gosto do natalense. A produção chega a 700 unidades diárias. “Acordo às 4h30 e inicio a produção. Às 8h já estão prontos para distribuição”, explica a sua rotina o confeiteiro. Além de estabelecimentos, Hevandro faz a entrega de brigadeiros para pessoa física sob encomenda. Os pedidos devem Du Zé Brigaderia Fone: (84) 99977-5545 ser feitos pelo telefone (84) @duzebrigaderia 99977-5545.

Talvez você ainda não saiba, porém, já pode ter provado um brigadeiro “Du Zé”, nome dado por Hevandro Rolim aos docinhos de sua autoria, que estão à venda em diversos restaurantes, cafeterias, lojas de conveniência e padarias de Natal. A marca está no mercado há quatro anos e é um sucesso entre os clientes. A Du Zé Brigaderia começou em 2015, após Hevandro Rolim decidir trocar a profissão de professor de educação física e personal trainer pela de confeiteiro. Ele se preparou para mudança fazendo cursos na área. Hevandro lembra que foram muitos os testes para alcançar a receita dos brigadeiros. Um grande amigo, Leandro Alves, que estava se formando em Gastronomia, o auxiliou na tarefa. A ideia era desenvolver um produto único, para se diferenciar no concorrido mercado. Eles chegaram a

Brigadeiro de café leva 100% de cacau

Deguste | Setembro | 2019

FOTOS ROGÉRIO VITAL

40

Os doces são feitos com produtos de muita qualidade


41

Deguste | Setembro | 2019


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Nadica de Leite São mais de 30 produtos, como chocolates e bombons

Os chocolates são adequados ao público vegano

traz ao mercado chocolates inclusivos animal, os chocolates da Tnuva também são adequados ao público vegano, o que aumentam as possibilidades de sucesso da empresa no mercado, além disso, não levam glúten. O catálogo da Tnuva tem desde bombons a tabletes de chocolate variados, além de “língua de gato”, moedas de chocolate e chocolates em gota. São mais de 30 opções, inclusive as barras de chocolate para uso culinário. Os itens possuem certificação Kosher, que significa uma alimentação baseada em preceitos judaicos, garantindo fiscalização das matérias primas utilizadas e o conhecimento de sua procedência. Nadica de Leite oferece todos os itens do portfólio Tnuva, com atendimento via WhatsApp, no número (84) 99600-0052, ou pelo Instagram (@nadicadeleite). No futuro, o sonho de Munique Carlos é inaugurar Nadica de Leite Fone: (84) 99600-0052 uma sorveteria ou cafeteria @nadicadeleite inclusiva.

Da extrema necessidade de um filho para uma oportunidade de negócio. Assim, nasceu a Nadica de Leite, empresa criada em junho deste ano, que tem como foco a comercialização de chocolates inclusivos, ou seja, para todos, mesmo quem tem alergia ou intolerância alimentar. A empresa é representante exclusiva, no Rio Grande do Norte, da renomada marca Tnuva, pioneira na fabricação de chocolates sem leite. Foi na busca por chocolates desse tipo que a administradora Munique Carlos, fundadora da Nadica de Leite, deparou-se com a Tnuva. À época, o seu primeiro filho, Eduardo, de 5 anos, havia sido diagnosticado com alergia à lactose. Munique virou consumidora fiel da Tnuva e, como ativista da causa, percebeu que outras famílias tinham a mesma dificuldade – encontrar chocolates que pudessem ser oferecidos aos filhos alérgicos ou intolerantes à lactose. Como não levam leite ou nenhuma proteína

Munique Carlos é a fundadora da Nadica de Leite

Deguste | Setembro | 2019

42

Chocolates não levam leite nem proteína animal


ALMOÇO BASILICO’S:

AOS DOMINGOS.

SEU DIA NÃO SERÁ MAIS O MESMO.

43

Deguste | Setembro | 2019


FOTOS ROGÉRIO VITAL

Fazenda Caju

Os clientes anotam no carderno os queijos que levaram

faz venda de queijos em relação de confiança

Marinho de Souza vende seus queijos na confiança

O autoatendimento tem sido uma experiência positiva

Deguste | Setembro | 2019

44

O autoatendimento é uma realidade nos dias atuais, em que a tecnologia tem se tornado cada vez mais útil. No entanto, na Cecafes (Central de Comercialização da Agricultura Familiar e Economia Solidária), em Natal, um dos boxes está experimentando, há seis meses, essa modalidade praticamente sem uso de equipamentos, só na relação de confiança com o cliente. O responsável pela iniciativa é Marinho de Sousa, que comanda a Fazenda Caju, uma pequena propriedade no distrito de Gravatá, em Ceará-Mirim, na Grande Natal. Ele encontrou no autoatendimento a melhor forma para aumentar as vendas dos queijos que produz no lugar. Marinho explica que optou por esse formato por uma questão de logística, já que precisa estar presente na fazenda durante quase toda a semana para produzir os queijos. Ele está satisfeito com o andamento do negócio. O autoatendimento da Fazenda Caju na Cecafes funciona da seguinte maneira: o cliente escolhe o produto e deposita o valor referente em uma urna. Depois só precisa anotar em um caderno o que levou e como efetuou o pagamento, pois também existe a possibilidade de transferir o dinheiro para uma conta bancária do estabelecimento. Nessa segunda forma, é necessário enviar o comprovante da transação para um telefone via WhatsApp. As vendas nesse formato também têm agradado a clientela. O servidor público federal Thiago Pereira conta que conheceu o box da Fazenda Caju há um mês, após indicação de amigos, e aprovou. “Fiquei admirado. É algo inusitado nos dias de hoje. Mas o proprietário me disse que as pessoas têm sido bem corretas com ele”. O engenheiro eletricista Jackson Azevedo concorda. Ele achou muito boa a ideia. “Inclusive, registrei o momento para postar nas minhas redes sociais. Não tinha visto ainda aqui em Natal”. Aos sábados, Marinho de Sousa marca presença no box nº 15 da Fazenda Caju e realiza degustação dos queijos. A Fazenda Caju produz mais de dez tipos de queijos, a maioria deles curados durante pelo menos 30 dias. Eles levam nomes de localidades da região de Ceará-Mirim, como Vale Verde, Guaporé, Mucuripe e Oiteiro. São receitas únicas, que expressam todo o sabor do terroir, ressalta Marinho de Sousa. Os queijos são feitos com leite cru extraídos de gado da raça Gir Leiteiro. A Fazenda Caju é certificada com um selo do IDIARN (Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN) que atesta que a propriedade é livre de tuberculose e brucelose. No box, o cliente também Fazenda Caju encontra leite de vaca e itens Av. Jaguarari, 2454 derivados de leite para compra. Cecafes - Box 15 O horário de funcionamento é Lagoa Nova - Natal/RN Fone: (84) 99961-5589 das 6h às 15h, de segunda@fazenda_caju feira a sábado.


45

Deguste | Setembro | 2019


Saberes do Vinho

Beber, Apreciar e Degustar Gilvan Passos

Instagran: gilvandelospassos

Qual a Diferença?

...Degustar é um ato reflexivo, que envolve técnica, treino e acuidade de sentidos, e que se baseia em aspectos objetivos. Apreciar pressupõe um exame pessoal, particular (subjetivo). O apreciador é alguém cujas preferências validam esse ou aquele vinho, dado que ele gosta, admira, valoriza ou aprecia determinadas características e/ou valores do vinho em questão. Já beber é um ato mecânico e meramente fisiológico: essa é a diferença. A visão por essa perspectiva permite-nos compreender que o técnico e o hedônico são os dois lados da mesma moeda, porém estão longe de ser a mesma coisa. É que a qualidade do vinho pode ser objetiva e subjetiva. Quando alguém diz: “Vinho bom é aquele que você gosta” está ao mesmo tempo sendo politicamente correto e vendo o gosto como algo estático em nós, ignorando, com isso, que o gosto é algo histórico, que estará sempre relacionado ao tempo e espaço. Eu prefiro a frase: “Gosto não se discute, aprimora-se” magistralmente citada pelo mestre Sérgio de Paula Santos, nas entrelinhas do seu rico

Deguste | Setembro | 2019

46

livro, “Comer e beber como Deus manda” da Editora SENAC - São Paulo, que expressa claramente que o gosto é algo extremamente mutável e evolutivo, que podemos aprimorar através do exercício. O fato é que quem bebe vinho ou apenas aprecia vinho, terá sempre como perspectiva o gosto da bebida, nunca o seu sabor. O gosto, tecnicamente falando, é uma percepção unissensorial, percebido na boca (gustação e tato). Já o sabor é multissensorial, e além de envolver sentidos como audição, olfação, tato e paladar, envolve também valores externos como a temperatura e o conforto do ambiente e bem-estar pessoal. É por isso que em uma degustação, o horário, a luz, os odores da sala e as condições gerais do local são rigorosamente levadas em conta. Obviamente, que mesmo um bom degustador jamais conseguirá dissociar totalmente o seu gosto pessoal da sua avaliação técnica, mas o objetivo sempre será esse. No entanto, isso não invalida de maneira nenhuma a importância do apreciador e do bebedor com suas escolhas que busca no vinho prazer e não estética.


47

Deguste | Setembro | 2019


Deguste | Setembro | 2019

48

Profile for Revista Deguste

Revista Deguste - Setembro 2019  

Veja o que foi destaque na edição de setembro de 2019 da Revista Deguste.

Revista Deguste - Setembro 2019  

Veja o que foi destaque na edição de setembro de 2019 da Revista Deguste.

Advertisement