Page 1

1

Deguste | Novembro | 2017


Deguste | Novembro | 2017

2


3

Deguste | Novembro | 2017


Deguste

Espaço do Leitor

GAS­TRO­NO­MIA­

Adoro as dicas de comida da Revista DEGUSTE. Cada

Novembro de 2017 - ano 13 - edição 148

edição chega pra gente como um mundo novo, cujos caminhos temos que descobrir. Mariana Carla - Administradora Capim Macio - Natal/RN

14

Impressionante como a DEGUSTE consegue encantar os seus leitores a cada nova edição. Espero receber a minha

Curió, o novo boteco em Ponta Negra

quando alcançarem a marca da edição 150. Luiz Lima - Engenheiro Cidade Jardim - Natal /RN A revista Deguste é o melhor opção para encontrar os melhores restaurantes da cidade, com muita informação e

18

belas imagens de dar água na boca! Vale a pena conferir! Kahena Cunha de Aguiar Lima - Esteticista

O jantar da chef Irina Cordeiro no Abade

Capim Macio - Natal/RN

Leitor premiado

34 Alex Atala fez palestra na Festa do Boi, em Parnamirim

09 Os 15 anos do Agaricus em Petrópolis 12 Jantar da Adega Perlage no La Brasserie de La Mer 16 Cantu promove jantar no Tábua de Carne, em Ponta Negra 20 Magazzino apresenta novos vinhos chilenos no Cascudo Bistrô 22 Nutralim é referência em Segurança Alimentar 24 A surprendente expansão do Affogato "A revista Deguste continua acertando em suas edições. Sempre nos atualizando sobre o que há de novo no Estado, ela não só dá boas dicas e análises de restaurantes do RN, como também incentiva o turismo e o empreendedorismo gastronômico em nossa cidade." Vitor Gonçalez Lindbergh - Empresário Lagoa Nova - Natal/RN

26 Chef Soninha Benevides renova cardápio no Marechal 28 Páprika tem mais de 40 tipos de pizzas no cardápio 30 Ster Bom faz doação para instituições filantrópicas Seções

Nossa Capa

06 Pelos Restaurantes 32 Papo Café 44 Saboreando Paris 54 Opinão

Frutos-do-Mar Santorini Produção: Benício Siqueira Foto: Rogério Vital

Deguste | Novembro | 2017

O empresário Vitor Gonçalez foi escolhido o leitor do mês da Revista DEGUSTE e, como brinde, recebeu do Magazzino Vinhos & Cozinha, patrocinador desta sessão, o rótulo italiano Colle Petrito, da região de Puglia. O vinho foi entregue pelo consultor Ênio Rodrigues. 4


Pelos Restaurantes...

Fotos rogérIo vItal

Espaço do Leitor

Luís Benício Tavares Siqueira tbenicio@uol.com.br

Casa Perini

tem venda direta ao consumidor

O representante da Casa Perini em Natal, Ricardo Barbosa, fechou mais uma importante parceria para a comercialização de seus produtos na cidade. Conhecida Mundial de Vinhos e pela qualidade de seus vinhos, Destilados. A lista é espumantes e sucos, a marca, divulgada todos os agora, é vendia na loja Estação anos pela Associação Papary, no Alecrim, para vendas Mundial de Escritores e direto ao consumidor. Fazendo Jornalistas de Vinhos e a logística de distribuição das Destilados. bebidas em hotéis e Ricardo Barbosa restaurantes, a Perini já trabalha acredita estar havendo com a Progresso Atacado. uma espécie de De acordo com o empresário Ricardo Barbosa é o representane da Casa Perini em Natal readaptação do mercado e personal wine, Ricardo de vinho na cidade. "Do Barbosa, representante exclusivo ano passado para cá, da marca na cidade, o projeto Casa Perini Natal vem acho que estamos vivenciando uma retomada do mercado." sendo pensado há um ano e meio. Trata-se de uma Os vinhos e espumantes Perini são encontrados em loja especializada nos produtos da marca, embalados vários restaurantes de Natal, como Abade, Camarões, para presente, com todos os mimos e cuidados. Manary, Mazzano, Pousada Toca da Coruja (Pipa), A loja comercializará, diretamente para o cliente, Pousada Pedra Grande (Monte das Gameleiras), sucos integrais de uva bordeaux, vinhos tintos, Pizzaria Reis brancos e rosados e, ainda, espumantes brut, branco Ricardo Barbosa / Casa Perini/RN Magos e Iate Fone: (84) 99972-0545 e rosé, prosecco, demi-sec. Há, também, a venda do Clube de Natal. E-mail: ricardo.wine@hotmail.com Casa Perini Moscatel, escolhido o quinto melhor do Instagram: @pontowine mundo em 2017 na lista do WRW&W/Ranking

5

Deguste | Novembro | 2017


Da Redação

Alegrias

de setembro e outubro

Os meses de setembro e outubro foram de em Tabatinga, que foi aberto no final de 2015 grande alegria para o mercado da gastronomia de para ser um restaurante de veraneio e, no boca Natal. Aconteceram inaugurações, eventos de boca, se transformou em um local muito bem vinhos e até mesmo a palestra do maior chef da frequentado do litoral sul da Grande Natal; e o atualidade no Brasil, Alex Atala, que esteve por surpreendente Affogato, que até o final de 2017 aqui dando o ar de sua graça. Novembro também terá inaugurado quatro unidades em Natal, tudo já começa grande. É mês de aniversário do isso em apenas dois anos de funcionamento. Agaricus, uma das referências da cidade e que, Outra deliciosa matéria é a que conta a por isso mesmo, recebe uma atenção especial em renovação do cardápio do Marechal, com três das nossas 54 páginas desta edição. assinatura da chef Sônia Benevides, que caprichou Quatro ocasiões especiais mereceram destaque na cozinha contemporânea com inspiração vinda da nossa cobertura editorial: um jantar da chef do próprio conceito da casa, uma das mais Irina Cordeiro no Abade; o jantar do Magazzino badaladas atualmente na cidade. no Cascudo Bistrô, na Praça das Flores; o jantar Receba a Revista DEGUSTE como um presente. da importadora Cantu e do Cabugi Foods, no E viva a excelente gastronomia que existe em restaurante Tábua de Carne de Ponta Negra; e o Natal. Bom apetite! jantar da Adega Perlage, no La Brasserie de La Mer. Todos esses jantares foram com senhas pagas pelos clientes e super concorridos, com salões lotados e expectativas alcançadas. Uma prova de que a gastronomia em Natal é um grande caminho econômico se for tratada com a qualidade que esse tipo de segmento exige. Nesta edição, você também vai encontrar notícias sobre inaugurações de restaurantes e histórias interessantes de alguns que começam a alcançar a notoriedade recente, Washington Rodrigues Luís Benicio T. Siqueira como o rústico Tempero da Zefinha, Diretor de Redação Diretor Executivo

av. Jaguarari, 4990, lj 28 - lagoa Nova - Natal/rN - CEP 59054-500 - Fone: (84) 3234.5566 www.revistadeguste.com - twitter: @revistadeguste - Facebook: revista Deguste - Instagram: @revistadeguste Diretor Executivo Luís Benício Tavares Siqueira (84) 99174-5676 benicio@revistadeguste.com Diretor de Redação Washington Rodrigues (84) 99904-9683 wrrodriguescom@yahoo.com.br Jornalista Lucas Alencar lucasalencar@revistadeguste.com

Diretor de Arte Edílson Martins de Araújo edilson.martins1@gmail.com

Nicolas Rombotis (84) 99907-6444 nicolas@revistadeguste.com

Comercial (comercial@revistadeguste.com) Nilton Baresi (84) 99607-6810 / 99172-2381 nilton@revistadeguste.com

Redação redacao@revistadeguste.com

Colaboradores Arthur Coelho Gilvan Passos Louise Elali Ricardo Sousa

Revista Deguste Gastronomia e Turismo é uma publicação mensal da Deguste Comunicação, Assessoria e Marketing Ltda. Tiragem 5 mil exemplares

Deguste | Novembro | 2017

Revisão Rejane Souza

Fotografia Rogério Vital foto@rogeriovital.com.br

6


7

Deguste | Novembro | 2017


Deguste | Novembro | 2017

8


Fotos rogérIo vItal

Os 15 anos do

Agaricus

No mês em que comemora 15 anos de funcionamento, o Agaricus, um dos restaurantes mais bonitos e tradicionais de Natal, está com muitas novidades em seu cardápio para manter sua pegada sempre contemporânea. A novidade mais recente foi a contratação do chef Nito Avelar para um trabalho de consultoria. Ele reformulou substancialmente o cardápio com novas entradas, pratos principais e sobremesas, porém preservou alguns pratos clássicos da casa, para não ‘assustar’ os clientes mais tradicionais.

9

Deguste | Novembro | 2017


Acima, as novas entradas criadas pelo chef Nito Avelar. Ao lado, uma das sobremesas do cardápio, Taça de Churros e doce de leite

Os donos do Agaricus, o casal Cristiane Cassol e Kwong Yiu Fai, explicam que essa foi a primeira vez que eles decidiram contratar um chef para mexer no cardápio da casa. “Por ser uma data emblemática e muito importante para nós, achamos que, agora, seria o momento de trazer um chef consultor para assinar o novo cardápio”, revela Cris. Nito foi escolhido pela grande experiência e reputação que ele tem na área de consultoria. “Trabalhar com ele foi muito fácil, pois o mesmo entendeu o que queríamos e montou um cardápio muito interessante, com boa repercussão entre os clientes”, conta Kwong. O chef, que trabalhou durante muitos anos no Camarões Potiguar, explica que o conceito desse novo cardápio é de uma comida mediterrânea, com pouco cozimento, mas com muito sabor, leveza e uma bonita apresentação. Pensando nisso, ele criou várias entradas, como Crostini de salmão, Terrine de polvo, Burrata genovese, Mexilhões ao gratin, Tábua de presunto cru, dentre outras. De prato principal, destacamos os Frutos do mar Santorini, uma generosa e bonita porção de massa negra para duas pessoas, servida com camarão, polvo, mexilhão e peixe. Outras boas opções são: Bacalhau assado, Salmão ao molho de amêndoas, Camarão crocante. Como sobremesa, a única que ficou do cardápio antigo foi o Petit Gateau, por ser bastante pedido pelos clientes. Uma Taça de churros com doce de leite vem sendo muito elogiada.

Cristiane Cassol, Kwong e o chef Nito Avelar

Deguste | Novembro | 2017

10


Cristiane Cassol lembra que, antes de Nito Avelar ser convidado para essa consultoria, as mudanças no cardápio já tinham iniciadas desde o mês de junho, quando foram lançados os cortes especiais de carne servidos grelhados. São sete opções: Bombom de Alcatra Black Angus, Baby Beef Black Angus, Bavette, Entrecôte Black Angus, Rib Eye Black Angus, Short Rib Black Angus e Prime Rib Black Angus. No mês de agosto, foi lançada uma bem sucedida feijoada completa aos sábados, no sistema de bufê, em que o cliente paga um valor único e se serve à vontade, com direito a ouvir uma boa música ao vivo, ao som do sax de Joedson Silva. O sucesso foi imediato! Em setembro, já com a consultoria de Nito, o Agaricus inova mais uma vez ao lançar um menu executivo durante o almoço da semana, de terça a sexta-feira. Foram oito pratos criados, dentre eles o Escalope ao funghi e camarão caprese, Camarão cítrico, Peixe à meunière e Salmão Siciliano. Histórico O Agaricus foi inaugurado no dia 06 de novembro de 2002 para operar somente à noite. De dia, funcionava o self-service Alimentare. Em 2004, Kwong e Cristiane Cassol acabaram com a Alimentare e fizeram uma reforma (a primeira de muitas) a fim que o Agaricus funcionasse sozinho, também para almoço. Desde então, o Agaricus consolidou a imagem de um dos bons restaurantes de Natal, que tem uma clientela cativa, formada, na sua grande maioria, pelos moradores dos bairros de Petrópolis e Tirol. Além daqueles que trabalham e orbitam pelo glamour da região. O Restaurante realmente é muito bonito, devido, principalmente, ao seu pé direito bastante alto, que passa uma forte sensação de conforto e elegância. A linda ambientação sempre foi de responsabilidade da arquiteta Gracita Lopes, uma das mais experientes e respeitadas profissionais da cidade, que, em 2014, fez uma reforma no salão criando um bar e uma bonita adega de vidro transparente. Outro diferencial do Agaricus é a sua varanda externa, toda em vidro e climatizada. É um ótimo espaço para encontros informais com amigos, enquanto se observa a vida lá fora.

Salão interno é um dos mais bonitos e elegantes de Natal

A varanda com paredes de vidro é um local interessante em Petrópolis

Agaricus Restaurante av. afonso Pena, 529 Petrópolis - Natal/rN Fone: (84) 3211-4796 @agaricusrestaurante agaricusrestaurante

A Adega de vinhos completa a bela decoração da casa

11

Deguste | Novembro | 2017


Gran Legado e Forestier alegraram os convidados

Canelone de peixe com espuma de manjericão

Jantar no La Brasserie

com espumantes Gran Legado e Forestier Fotos rogérIo vItal

Cordeiro com cuscuz de quinoa

Panna cotta de baunilha

A visita a Natal do enólogo Christian Bernardi, responsável pela elaboração de vinhos e espumantes das marcas Gran Legado e Forestier, foi celebrada com um jantar harmonizado no restaurante La Brasserie de La Mer, no Hotel Majestic, em Ponta Negra, no mês de outubro. Assinado pelo chef Karim Gosson, o jantar foi servido em cinco tempos, começando com o couvert da casa com uma taça de espumante Forestier Blanc de Blanc, elaborado pelo método champenoise com as uvas Chardonnay e Risling Itálico. O primeiro prato foi um Canelone de peixe com espuma de manjericão, harmonizado com o espumante brut Gran Legado Champenoise, feito com as uvas Chardonnay e Pinot Noir. O espumante rosé brut Gran Legado Champenoise escoltou perfeitamente o segundo prato do jantar, uma Salada mix de folhas orgânicas com maçã e pato defumado. O prato mais encorpado da noite foi o Cordeiro com cuscuz de quinoa. Para harmonizá-lo, a escolha foi o espumante Forestier Nature Champenoise, Chardonnay (70%) e Pinot Noir (30%). A sobremesa foi uma Panna cota de baunilha com frutas secas servida com o espumante Gran Deguste | Novembro | 2017

Legado Moscatel. O enólogo Christian Bernadi esteve em Natal a convite da Adega Perlage, da empresária Simone Farret, que representa, com exclusividade, as marcas Gran Legado e Forestier. Bernardi ministrou, ainda, um workshop sobre espumantes na Casa Cor RN.

Abdon Farret, Simone Farret e o enólogo Christian Bernardi

12

Adega Perlage av. rui Barbosa, 1868 - HC Plaza torre 2 lj 4 lagoa Nova - Natal/rN Fone: (84) 2010-0005 @adegaperlage


13

Deguste | Novembro | 2017


Curió

Fotos mENu stuDIo

inaugura em Ponta Negra com clima de boteco gourmet

Picado de carneiro e cuscuz Rico

Quem sempre se ressentiu de um recanto com o clima romântico e boêmio dos botequins tradicionais já pode comemorar. Inaugurado no final do mês de outubro, em Ponta Negra, o Curió, espécie de boteco gourmet, chega a Natal para ocupar essa lacuna, com ambientação que remete às antigas bodegas e mercearias, apostando na memória afetiva dos clientes, natalenses e turistas. O cardápio assinado pelo chef e consultor Welder Albuquerque prima pelos clássicos da gastronomia regional, potiguar principalmente, com opções interessantes entre petiscos oferecidos de forma volante e almoço, individual e para duas pessoas. Do projeto arquitetônico, a cargo de Rodrigo Gurgel e Rita Gurgel, da Duo Arquitetura, até a concepção de atendimento, tudo remete a uma bodega antiga. As prateleiras estão repletas de produtos típicos de mercearias antigas, que aguçam o saudosismo da clientela, principalmente daqueles que já passaram dos 35 anos, como ressalta Rodrigo. “É uma viagem no tempo, mas com uma linguagem moderna”, classifica ele. Há balanças, suporte de rolos de papel de embrulho, gaiola, imagens de santos, defumadores, funis de alumínio, máquina de costura, rádio valvulado, entre outros fetiches decorativos do passado. No Curió, o rústico e o moderno caminham juntos. E esse mote é transposto também para a cozinha. Entre os petiscos, os destaques são a coxinha, com massa de nata com coentro, empanada na farinha Panko e com recheios inusitados; pato entre eles; como adianta o chef Welder Albuquerque, que também cita a costelinha suína ao molho de barbecue de acerola. Há, também, caldinhos, ginga com tapioca, agulhinha frita e criações bem-humoradas da casa, tipo o KFC, abreviatura de “Ki Frango Caceteiro”, em

Foto rogérIo vItal

Os sóciosThiago Gadelha, Felipe Fonseca e Heitor Almeida

Tábua Romeu e Julieta

Deguste | Novembro | 2017

14


Foto rogérIo vItal

alusão à renomada rede de fastfood americana. Nos pratos individuais e para duas pessoas, estão clássicos da culinária potiguar, como galinha caipira, carneiro, rabada, dobradinha, camarão. O atendimento é o mais informal possível. No Curió é possível comer ostras como se estivesse numa barraca de praia, com o garçom sentando ao lado da mesa e abrindo o crustáceo fresco diante do freguês. Os pratos individuais, chamados PFs, custam até R$45,00 e os para duas pessoas variam de R$ 60,00 até R$ 92,00, segundo informa Heitor Almeida, proprietário da casa junto com Tiago Gadelha e Felipe Fonseca. Os três são proprietários, também, do restaurante Hamachi, localizado na mesma quadra do Curió, na Av. Praia de Ponta Negra. Entre as bebidas, Felipe cita alguns destaques da coquetelaria, destacando as Caipirós, drinks gourmet à base de cachaça e vodka. Mas os clássicos também estão presentes, bem como os “Drinks das Europa”, como serão chamados pela casa. Entre eles, alguns bem em alta, como o Aperol, o MoscowMule e o GT, como adianta Felipe Fonseca. O Curió trabalha com cerveja em garrafa de 600 ml e tem uma carta de cachaça com 30 rótulos. O momento de crise atual do País não intimidou o trio de jovens empresários. “A cidade está sem opção, na verdade. Vários bares legais, que fizeram história, fecharam. O público tem pedido algo diferenciado e fomos nessa aposta de originalidade, e conceito, uma coisa que o natalense gosta”, analisa Heitor Almeida. Eles acreditam na proposta inusitada e pretendem conquistar o público de Natal e os turistas. Pratos fixos em dias específicos, apenas a Feijoada às sextas-feiras e Chambaril nos sábados, ao som de chorinho. Nas terças-feiras, o samba impera. A casa tem capacidade para 220 pessoas.

Pastel de caranguejo com katchup de goiaba

Macarrão de cumpade Arfredo

15

Curió av. Praia de Ponta Negra, 8886 Ponta Negra - Natal/rN Fone: (84) 3346-1721 @sigacurio

Deguste | Novembro | 2017


Tábua de Carne realizou degustação com vinhos da Cantu

Vinhos Ramirana foram degustados no jantar

Fotos rogérIo vItal

O espaço climatizado do restaurante Tábua de Carne, na Avenida Engenheiro Roberto Freire, ficou lotado para a degustação de vinhos da linha Ramirana, boutique da vinícola chilena Ventisqueiro, harmonizados com cardápio realizado a partir de produtos da culinária genuinamente potiguar. O evento aconteceu no final de setembro. Além do Tábua de Carne, foram parceiros do evento a importadora Cantu, que distribui os vinhos Ramirana, o frigorífico Cabugi Foods, que fornece cortes nobres de cordeiro no Rio Grande do Norte, e o consultor Gilvan Passos, o principal administrador de confrarias de vinhos de Natal. "Todos as senhas foram vendidas. Tivermos que parar as vendas pois não cabia mais ninguém", comemorou o dono do Tábua de Carne, Luiz Segundo, anunciando que, em 2018, pretende realizar outro evento relacionado ao vinho no restaurante. O convidado vip da noite foi o enólogo chileno Alejandro Galaz, responsável pela elaboração dos vinhos da Ramirana. Durante o serviço de cada taça,

ele apresentava, em um telão, as características de cada bebida e o terroir onde elas são produzidas. Quatro vinhos foram servidos durante o evento. Três deles na degustação dirigida, onde os convidados eram levados a apreciar o aroma e o sabor de cada rótulo. Em sequência, foram servidos o Ramirana Cabernet Sauvignon Reserva, o Raminara Syrah/Carménère Grand Reserva e, por último, o top Ramirana Trinidad Vineyard, feito com três uvas: Syrah, Cabernet Sauvignon e Carménère. Ao final da degustação, começou o jantar, com entrada de Ceviche de carne de sol com chips de batata doce, que foi acompanhado de um vinho branco Ramirana Sauvignon Blanc. Depois foi servido o prato principal, o Lombo de cordeiro, acompanhado de arroz sete grãos e purê de batata doce. De sobremesa, queijo coalho assado em crosta de cereal com redução de mel de rapadura. Em Natal, os vinhos Ramirana são exclusivos da loja da empresária Simone Farret, a Adega Perlage, no HC Plaza, em Lagoa Nova.

Com senhas esgotadas, salão climatizado ficou lotado

Alejandro, Luiz Segundo, Fabiana, Gilvan e Felipe Cesca

Tábua de Carne Ponta Negra

Adega Perlage

Importadora Cantu - Natal

av. Eng. roberto Freire, 2396 Ponta Negra - Natal/rN Fone: 84 3642.1236 @tabuadecarnerest

HC Plaza av. rui Barbosa - Natal/rN Fones: (84)98179.3373 e 99981.4880 @adegaperlage

Fabiana oliveira Fone: (84) 8136-2888 E-mail: fabisoliveira1@hotmail.com @cantuimportadora

Deguste | Novembro | 2017

16


17

Deguste | Novembro | 2017


O jantar da

chef Irina no Abade

Fotos rogérIo vItal

Peixe com ar de peixe de tucupi

Na cozinha do Abade, Irina solta o primeiro prato da noite

O restaurante Abade, a chef de cozinha Irina Cordeiro e a Adega São Cristóvão montaram uma parceria que ajudou em muito a motivar o mercado da gastronomia de Natal, no mês de outubro. Um jantar realizado em quatro tempos (entrada, dois pratos principais e sobremesa) foi um dos momentos altos da gastronomia no segundo semestre deste ano em Natal. Graças a sua excelente participação no programa

Deguste | Novembro | 2017

MasterChef da Band, exibido todas às terças-feiras à noite na televisão, a chef Irina Cordeiro, que é natalense com origens no sertão do Rio Grande do Norte, ganhou prestígio nacional no mundo da gastronomia e tem feito eventos em várias partes do País. De folga do programa em Natal, Irina aproveitou para realizar alguns eventos como uma forma de despedida da cidade, pois mudou-se definitivamente para São Paulo para construir carreira por lá.

18


O jantar no Abade foi muito prestigiado, com senhas vendidas a R$ 180,00 por pessoa, e teve de entrada Camarão defumado com espuma de bisque e shimeji branco harmonizado com o vinho chileno Meli Riesling, safra 2015; primeiro prato principal com Peixe com ar de peixe de tucupi, farofa de três cajus e musselini de raízes, servido na companhia do vinho branco Origem, da Casa Valduga, feito com a uva Chardonnay, safra 2017; segundo prato principal de Barriga de porco com arroz negro, que veio escoltado pelo vinho tinto Leopoldina, da Casa Valduga, feito com a uva Merlot, safra 2014; e sobremesa de suflê de goiabada cascão com creme de gorgonzola, servida com o .Nero Celebration Moscatel. Todos os vinhos fazem parte da lista de opções da Adega São Cristóvão, a maior rede de lojas de vinhos em Natal.

Carol Macêdo, do Abade, ao lado da chef Irina e do dono da Adega São Cristóvão, Alexandre Santana

Abade Ponta Negra

Adega São Cristóvão

rua Hélio galvão, 8828a Ponta Negra - Natal/rN Fone: (84) 3219-4469 @restauranteabade /restauranteabade

av. da Integração, 2179 Candelária - Natal/rN Fone: (84) 4006-6370 /adegasaoCristovao @adegasaocristovao

Chef Irina Cordeiro

Adega São Cristóvão Tirol

Contato: chefirinacordeiro@gmail.com

av. Prudente de morais, 1326 - loja 3 tirol - Natal/rN Fone: (84) 3025-0065

19

Adega São Cristóvão Cidade Jardim av. Eng. roberto freire, 2920 Capim macio - Natal/rN Fone: (84) 2010-6370

Deguste | Novembro | 2017


Fotos rogérIo vItal

Jantar do Magazzino com vinhos da Viña Tinajas no Cascudo Bistrô O Magazzino Vinhos & Cozinha e o Cascudo Bistrô, apresentaram aos natalenses os vinhos chilenos da Viña Tinajas linha Viejo Feo, durante um concorrido jantar realizado em outubro, na Praça das Flores, em Petrópolis. Para falar sobre os vinhos, o Magazzino recebeu a visita do empresário Nils Dosner, da Hannover, importador da Viña Tinajas, que trouxe a Natal o dono da vinícola, o enólogo Juan Mena. A Viña Tinajas fica localizada no Maule, a maior região vinícola do Chile. Os vinhos são exportados para vários países, como Alemanha, Bélgica, Dinamarca, Inglaterra, Irlanda, Estados Unidos, Canadá, Japão, China e Corea. A linha Viejo Feo possui três rótulos: um Chardonnay, um Carménère e um Cabernet Sauvignon. O jantar harmonizado foi assinado pelo chef Daniel Cavalcanti que, juntamente com Marcelo Chianca, do Magazzino, pensaram em

Juan Mena, Ângela Bottezel, Verônica e Marcelo, Nils Dosner e Daniel

pratos que valorizassem os vinhos. De entrada foi servida uma Fritada de frutos de mar com o Viejo Feo 100% Chardonnay. O segundo prato foi um Bife de chorizo à provençal, com purê de inhame e jerimum, com o vinho Viejo Feo Carménère O prato principal foi um Stinco de cordeiro com xerém de porcini, que fez par com o vinho Viejo Feo Cabernet Sauvignon. O jantar foi finalizado com a sobremesa Pudim de rapadura e flor de sal. O vinho escolhido por Marcelo Chianca foi o Porto Ruby CereMony.

Os vinhos da noite e dois dos pratos do jantar: o bife de chorizo à provençal e o pudim de rapadura e flor de sal

Magazzino Vinhos & Cozinha rua Potengi, 576 Petrópolis - Natal/rN Fone: (84) 3212-1477 @sabormagazzino

Deguste | Novembro | 2017

20

Cascudo Bistrô rua seridó, 740 (Praça das Flores) Petrópolis - Natal/rN Fone: (84) 3202-1005 @cascudobistro /cascudobistro


21

Deguste | Novembro | 2017


Nutralim Já faz algum tempo que o acompanhamento de profissionais especializados em Nutrição tornou-se fundamental para estabelecimentos que atuam no segmento gastronômico. Em Natal, uma das pioneiras nesse serviço é a Nutralim, desde 2007 no mercado e com trabalhos reconhecidos. A empresa é comandada pela nutricionista Aline Oliveira, formada pela UFRN, com especialização em Sistema de Gestão Integrado, e pós-graduanda em Gestão da Qualidade na Produção de Alimentos. A profissional tem mais de dez anos de experiência, inclusive atuou como consultora do PAS (Programa Alimento Seguro) e, durante o preparo da cidade para a Copa do Mundo de 2014, atuou pelo Ministério do Turismo e Abrasel capacitando os principais restaurantes da cidade quanto ao atendimento e segurança alimentar. Durante o evento, foi a Responsável Técnica que aplicou as medidas que garantiram a segurança alimentar do buffet servido no estádio Arena das Dunas. A equipe da Nutralim é composta por nutricionistas especializadas. Aline conta que a Nutralim surgiu a partir de uma demanda que o mercado exigiu em relação à consultoria nutricional. Assim, a empresa foi fundada com intuito de contribuir na gestão da qualidade e segurança alimentar, por meio de assessorias, consultorias e treinamentos. O principal serviço são as assessorias, com um trabalho permanente dentro do estabelecimento, incluindo atividades como: auditorias técnicas, treinamentos, elaboração de Manual de Boas Práticas e Procedimentos Operacionais Padronizados, elaboração de planilhas para controle de custos, registros de higienização e controle de temperatura de equipamentos, entre outros.

Deguste | Novembro | 2017

Segurança Alimentar e Treinamentos

De acordo com Aline Oliveira, o controle das Boas Práticas gera “produção sustentável”, o que representa mais economia e menos desperdícios para os estabelecimentos. A Nutralim também oferece consultorias com atividades direcionadas a necessidade particular e momentânea do estabelecimento, tais como: auditoria, fichas técnicas e rotulagem nutricional, projetos de educação nutricional para escolas, treinamento, dentre outros serviços. Atualmente, a Nutralim possui na cidade mais de 30 clientes, entre bares, restaurantes, hoteis, pizzarias, padarias, gelaterias, confeitarias, lanchonetes e casas de recepções. Nutralim av. Eng. roberto Freire, 340 - sala 01a shopping Cidade Jardim - Capim macio - Natal/rN Fones: (84) 99155-4242 | 99138-9068 www.nutralim.com.br

22


23

Deguste | Novembro | 2017


Affogato terá quatro restaurantes até o final de 2017 O Affogato prevê para este início de novembro a abertura de sua terceira unidade, em Petrópolis, e se prepara para inaugurar um quarto restaurante, em Cidade Jardim, no próximo mês de dezembro. A marca é uma das que mais cresce na gastronomia em Natal. Ela foi criada em setembro de 2015 como um bistrô surpreendente no endereço discreto da Avenida Nascimento de Castro, em Lagoa Nova, onde ganhou excelente reputação com pratos de ótima qualidade e preço excelente. Depois inaugurou uma segunda unidade bem mais ampla, na Avenida Romualdo Galvão, no Tirol. E, agora, praticamente de uma única vez, abre dois restaurantes novos em Petrópolis e Cidade Jardim. A unidade de Petrópolis fica na luxuosa Avenida Campos Sales, enquanto o restaurante de Cidade Jardim será aberto na Rua General Felizardo Brito, 2936 – esse mais voltado para recepções e eventos, com capacidade para 150 pessoas. O empresário Marcelus Cassius, criador da marca Affogato, diz não pensar em crise ao investir na expansão de sua rede de restaurantes. Ele conta que foi pensada uma estratégia de oferecer produtos diversos e com preços acessíveis, sendo possível almoçar bem com R$15,00 ou R$60,00. Na parte gastronômica, a novidade é o Raclette, nome do prato e do queijo suíço usado, servido derretido sobre porções de camarão, filé mignon ou lagosta – e ainda champignon, cebolinhas em conserva, palmito e pão. No Affogato, o queijo é derretido em uma máquina artesanal especial, com incremento de maçarico, e diante do cliente. É uma das entradas mais pedidas na casa. O queijo também pode ser adicionado em outros pratos, caso o cliente deseje. Pratos de excelente qualidade a preços muito competitivos tornaram o Affogato uma das marcas que mas cresce na gastronomia de Natal

Affogato

Até o final de 2017, o empresário Marcelus Cassius terá inaugurado a quarta unidade

Deguste | Novembro | 2017

24

av. Nascimento de Castro, 1826 lagoa Nova - Natal/rN av. romualdo galvão, 245 tirol - Natal/rN Informações e reservas: Fone: (84) 99928 0124 @affogatobistro /affogatobistro


25

Deguste | Novembro | 2017


Marechalrenova cardápio

Bolinho de banana com creme de queijo, sorvete e compota de banana

mini pão de macaxeira da casa recheado com linguiça de cordeiro; e as coxinhas de caranguejo já citadas, acompanhadas de maionese de dendê. Por entender ser o restaurante de inclinações mais noturnas, a chef tratou de buscar mais leveza a tudo, adaptando ou retirando alguns pratos principais do cardápio, como é o caso da Barriga de Porco. Em seu lugar, entrou o Medalhão de Porco com jerimum laminado, chutney de abacaxi e redução de vindo Porto. O Stinco de cordeiro é outra novidade entre os pratos. Como opção de prato leve, o peixe branco foi substituído por Ravioli com massa fresca e recheio de ricota e espinafre. O filé mignon agora é servido com hambúrguer de cogumelo. Porém, as mudanças mais radicais no cardápio, de acordo com a própria Sônia Benevides, foram nas sobremesas. Os destaques vão para o Mousse de Chokito Branco, com farofa de chocolate e morangos; Panna cotta de Coco com infusão de abacaxi e falsa gema; Salada de Frutas em Texturas, servida com sorvete de frutas e da estação, caviar de frutas (lembra das jabuticabas colhidas no terraço?) e frutas

Um dos restaurantes mais sofisticados de Natal, o Marechal, no Tirol, está com novidades no cardápio. Leveza e ousadia dão a tônica dos novos pratos criados pela chef executiva Sônia Benevides. Essa é a primeira mudança desde a inauguração da casa, em maio desse ano. O novo cardápio incorporou elementos da gastronomia local, tanto nos pratos principais quanto nas sobremesas, mas sem deixar de lado o acento da cozinha internacional, característico desde a sua inauguração. "A gente começou a dar uma cara para o restaurante com uma cozinha mais contemporânea, que eu sempre achei que deveríamos seguir nessa linha; uma vez que a própria casa, em termos de arquitetura, é extremamente contemporânea. E eu acredito que o cardápio tem que ser coerente com a imagem da casa", comenta Sônia Benevides. Algumas alterações no cardápio buscam o sentimental no paladar, como a Coxinha de Caranguejo, petisco da casa. Há duas novas entradas frias; Tartare de Camarão e Crostinis de Carne de Sol na Nata, substituindo o pão pela tapioca frita. Entre as entradas quentes, há os sanduíches, com hambúrguer de salmão e bovino; Hot-Bode com

Fotos rogérIo vItal

Medalhão de porco com jerimum laminado

Deguste | Novembro | 2017

Globo de umbu acompanhado de farofa de chocolate

26


Filé mignon servido com hambúrguer de cogumelo; e aMousse de Chokito branco com farofa de chocolate e morangos

Brunoise. Há, ainda, o enigmático e saboroso Globo de Umbu, acompanhado de farofa de chocolate e sorvete de leite. Outra novidade é o Bolinho de Banana, com creme de queijo, sorvete e compota de banana. ALMOçO NA SExTA E NO SáBADO O horário de funcionamento do Marechal continua de terça a quinta-feira, das 19h a 0h; nas sextas e, agora, aos sábados, das 12h a 0h. Nesses dias, a cozinha fecha às 15h; a casa reabre às 17h para happy hour, e a cozinha volta às 19h, encerrando as atividades a 0h. O bar, porém, permanece aberto até 1h. Quando o restaurante passou a abrir para almoço, eram oferecidos os mesmos pratos do jantar. Mas nessa leva de mudanças pela qual passa a casa, o cardápio diurno agora é próprio. São pratos individuais e com menores preços: Galinha com Arroz de Festa, Bobozinho de Camarão, Peixe Frito, Feijão com Arroz (pequena feijoada). Mesmo com essas novas opções, os pratos do cardápio oferecido à noite também estão disponíveis para o almoço. Para o empresário Rodrigo Lima, sócio de Uelinton Ribeiro no Marechal, o fluxo de clientes continua inalterado desde a inauguração. Quanto ao perfil dos frequentadores, o jovem adulto vem sendo presença cada vez mais constante no restaurante, como observa Rodrigo, que também diz já perceber uma maior frequência de turistas, principalmente em feriados prolongados. O Marechal é o restaurante do Empresarial Hermes 880, prédio de fachada sofisticada, com traços arquitetônicos contemporâneos, que abriga escritórios de grandes empresas da cidade.

Cheese cake de queijo de cabra com geleia de mangaba

Restaurante Marechal av. Hermes da Fonseca, 880 Empresarial Hermes 880 tirol - Natal/rN Fone: (84) 3025-1136 | 98846-1647 (reservas) @marechaloficial

A chef Sônia Benevides e o sócio do Marechal, Rodrigo

27

Deguste | Novembro | 2017


Fotos rogérIo vItal

Páprika

abre todos os dias em Ponta Negra

Funcionando com três ambientes em Ponta Negra, o restaurante Páprika é uma das melhores opções da gastronomia na zona sul de Natal. A culinária italiana é uma das regras da casa, que tem proprietários e chefs nascidos na Itália e originários de famílias, que possuem restaurantes há muitos anos na Europa. O cardápio de pizzas inclui 40 sabores e é um dos maiores de Natal. A casa também oferece pratos à la carte, risotos e frutos do mar. O restaurante é uma excelente opção pela comodidade do serviço. O funcionamento é todos os dias, abrindo de domingo a domingo, durante o ano inteiro. A casa já está recebendo reservas para as festas de confraternização de final de ano. Páprika

Os pratos de massa são os mais pedidos pelos clientes do restaurante

Deguste | Novembro | 2017

28

rua Pedro Fonseca Filho, 9001 Ponta Negra - Natal/rN Fone: (84) 3219-3865 @paprikanatal


29

Deguste | Novembro | 2017


Ster Bom

faz doação a entidades no Dia das Crianças Fotos ElIEl matIas

Como faz todos os anos, a Ster Bom, maior indústria de sorvetes do Rio Grande do Norte, dedica o mês de outubro a uma intensa programação voltada para o apoio a entidades que cuidam de crianças em alguma situação de vulnerabilidade. Este ano, a Ster Bom fez uma das maiores campanhas do gênero. Ela criou um sorvete novo, somente para comemoração do Dia da Criança, e dedicou um percentual da venda para entidades filantrópicas de Natal. A entrega do cheque simbólico da doação foi realizada no dia 12 de outubro, na loja da SterBom da Avenida Afonso Pena, em que diretores das unidades beneficiadas na campanha compareceram levando algumas crianças. A dona da Ster Bom, empresária Zauleide Queiroz, que também é presidente do Sindicato das Indústrias de Sorvetes do RN, fez a entrega, pessoalmente, das doações, exaltando a necessidade da participação maciça da sociedade em ações que melhorem o equilíbrio da coletividade. As entidades beneficiadas com a campanha foram a Sadef - que apoia atletas com algum tipo de limitação física - a Casa Durval Paiva de Apoio à Criança com Câncer e a APAE Associação de Pais e Amigos dos Excepicionais. Ster Bom Sorvetes Finos

Zauleide Queiroz, da Ster Bom, fez a doação para três instituições

Deguste | Novembro | 2017

30

av. afonso Pena, 688 tirol - Natal/rN - Próx. ao Inst. de radiologia Fone: (84) 3211-5841 E-mail: afonso@sterbom.com.br


taKamI

31

Deguste | Novembro | 2017


Papo Café Ricardo Sousa riccsb@gmail.com

Harmonizando a

sobremesa com café creme, formando um delicioso “affogato”, ou harmonizar o espresso com um “Petit Gateau”. Chocolates também são sempre utilizados na companhia com café. Esses também pedem as bebidas com mais potência como um espresso ou um coado mais concentrado, e sem açúcar, para que seja adoçado apenas com o doce do acompanhamento. Bombas e tortas com chocolate, da mesma forma. Sobremesas com sabor mais neutro e leve, por suas vezes, pedem um café coado, suave na mesma medida. Um bolinho simples de ovos ou uma torta de frutas, ou bolo de limão encaixam como uma luva em um cafezinho caseiro. A regra de ouro da harmonização é sempre ressaltar as qualidades de ambos os elementos envolvidos. E, seguindo essas dicas, você vai sempre acertar em cheio nas escolhas. Agora que você sabe como harmonizar seu café com algum doce, ficará bem mais interessante aproveitar as companhias em um bate papo com café!

Na série sobre harmonização com café, hoje vamos tratar sobre uma combinação bem conhecida: café e doce. Uma rotina bem comum às pessoas é uma refeição terminar com um cafezinho e uma sobremesa, ou até mesmo um bom acompanhamento do lanche da tarde ser algum alimento com sabor adocicado e café alimentando a mesa. Para criar uma experiência ainda melhor, por que não harmonizar os dois? O açúcar é, muitas vezes, utilizado para esconder alguns defeitos que possam aparecer no café. Porém, pode também apagar as suas qualidades e até deixá-lo mais amargo, se usado além da conta. O ideal é utilizar acompanhamentos não tão doces ou com toques cítricos, e de mesma intensidade de sabor. Uma torta recheada combina muito bem com um potente espresso (sem açúcar), ainda mais se tiver algum recheio cremoso. O mesmo vale para sobremesas, que acompanham sorvete à base de leite, o espresso harmoniza perfeitamente. Pode-se inclusive misturar os dois, derramando o espresso em cima do sorvete de

Deguste | Novembro | 2017

32


33

Deguste | Novembro | 2017


Alex Atala na Festa do Boi

Fotos moraEs NEto

Maior nome da gastronomia do Brasil veio dar palestra em outubro na Festa do Boi

O Sebrae RN marcou um gol de placa ao trazer o chef de cozinha mais conhecido do Brasil, Alex Atala, para fazer palestra durante a Festa do Boi, em Parnamirim, no dia 12 de outubro. Muita gente boa do segmento gastronômico enfrentou um engarrafamento gigantesco na BR 101, para conseguir chegar ao Parque de Exposições Aristófanes Fernandes e assistir à fala do cozinheiro, que construiu fama internacional valorizando os produtos da cozinha brasileira. Estavam presentes donos de restaurantes, donos de lojas de vinhos, chefs de cozinha renomados de Natal, professores dos cursos de gastronomia, alunos e empreendedores do setor de Alimentos e Bebidas, publicitários e a imprensa especializada. Atala falou por mais de uma hora sobre a importância da valorização dos produtos regionais na construção de uma cozinha de identidade nacional e respondeu às várias perguntas da plateia, provocando gargalhadas do público, quando questionado sobre o Deguste | Novembro | 2017

que faz alguém se tornar um bom cozinheiro: “cozinhar todos os dias”, disse ele, prontamente, sem enumerar receita mirabolante alguma de sucesso. O chef ainda comparou a alimentação ao maior fenômeno de comunicação contemporâneo, que são as redes sociais. Para ele, a maior rede social do mundo é a comida, que conecta todas as pessoas no planeta. Após a palestra, Alex Atala ficou um bom tempo assinando autógrafos e tirando fotos com o público, que formou uma fila para registrar o momento histórico com o chef famoso. A palestra de Alex Atala focou na mensagem principal do estande do Sebrae durante a Festa do Boi deste ano, a valorização do terroir - os elementos locais que compõem a produção dos itens da gastronomia regional: clima, solo e cultura do povo. A Palestra foi um dos pontos altos do mercado gastronômico em 2017 no Rio Grande do Norte, agregando valor de marketing e comprovando que o setor é potencial gerador de emprego e renda no Estado. 34


35

Deguste | Novembro | 2017


Fotos rogérIo vItal

Chirashizushi Uma forma que o restaurante Lotus Japanese Fusion Cuisine encontrou de apresentar novidades em pratos, que vão além do seu cardápio tradicional, foi a seção “Sugestões do Chef”. Nela, o chef da casa, Joelson Leite, aposta nas tendências atuais da gastronomia oriental. A reportagem visitou o restaurante no início de outubro e conferiu o que o chef preparou. Há cinco pratos que se enquadram nessa categoria. São três opções de poke – que está muito em moda no segmento –, um Chirashizushi e um que tem o polvo como estrela principal. Os pokes são oriundos dos Estados Unidos, mais especificamente do Havaí. É a comida preferida dos surfistas daquele local, segundo o chef Joelson Leite. Levam uma base de arroz, vários peixes crus (atum, salmão...), e outros ingredientes, como picles japonês, cogumelos e alga, marinados com temperos e molho. No caso do vegetariano, uma das opções que o Lotus oferece, os peixes são substituídos por frutas e verduras. O Chirashizushi, por sua vez, é muito parecido com o poke e sua origem é japonesa. Significa, literalmente, “sushi espalhado”. A versão do Lotus conta com uma base de arroz e em cima uma grande variedade de sashimis da casa. O último dos pratos contempla polvo salteado no azeite de ervas, cubos de batata doce em maionese de wasabi e páprica picante. Qualquer um dos pratos tem a versatilidade de poder servir como entrada ou como prato principal. As sugestões ficam à disposição em todos os dias de funcionamento do Lotus: no jantar de terça-feira a domingo, das 19h à meia-noite, e no almoço do domingo, das 12h às 15h. O Lotus ainda oferece outros ótimos atrativos: menu degustação em cinco etapas por R$ 79,90 (terça a quinta-feira e aos domingos), o mesmo menu com um drink por R$ 99,90 nas sextas-feiras e sábados, e ostras frescas depuradas nas quintas-feiras.

Poke de salmão

Lotus

está com novidades nas “Sugestões do Chef”

Lotus Japanese Fusion Cuisine Esquina das ruas Hélio galvão e manoel soares de medeiros (Exatamente atrás do Camarões Potiguar) Ponta Negra - Natal/rN Fone: (84) 3217-3451 | 99112-9649 @lotusjapanesefusioncuisine

O chef Joelson Leite dá sugestões de menu no Lotus

Deguste | Novembro | 2017

36


37

Deguste | Novembro | 2017


Deguste | Novembro | 2017

38


39

Deguste | Novembro | 2017


Aprecíe Restaurante

comidas do mundo Fotos rogérIo vItal

Thai SeaFood - vegetais e frutos do mar ao curry picante

Spring Roll - rolinhos recheados com vegetais e noddles

Tailândia e Bali. Durante as viagens, Ricardo Rudney aproveita para pesquisar e realizar pequenos cursos. Outra novidade é o Spring Roll (rolinhos primavera recheados com vegetais, noddles e champignons, servidos com sweet chili e molho de amendoim). Há, também, o Badejo (filé de badejo grelhado, aspargos frescos, salada verde com beterrada provençal e molho cítrico). O Bacalhau também tem o seu sotaque internacional (filé de bacalhau grelhado, purê de batata inglesa com alhos assados, redução de tinto e azeite de frutas). O Aprecíe funciona na praia da Pipa desde 2015 e, a partir deste mês de novembro, abre diariamente, das 18h30 às 23h.

Viajar pelo mundo e trazer um pouco de cada lugar visitado, aprender sua cultura e compartilhar. É mais ou menos isso que o chef Ricardo Rudney faz todos os anos. De cada país que conhece, ele assimila novos conhecimentos, descobre técnicas, degusta, aprende receitas e as coloca no cardápio de seu restaurante, o Aprecíe, localizado na Rua dos Bem-te-vis , centro de Pipa, litoral sul do Rio Grande do Norte. O resultado dessas viagens são pratos inspirados na culinária de vários países, que trazem um incremento a mais ao cardápio da casa. Um dos mais recentes é o Thai SeaFood, uma sopa de vegetais e frutos do mar ao curry verde picante, servida no arroz de coco. O prato é inspirado em uma recente temporada de 40 dias do chef entre Indonésia,

O chef Ricardo Rudney é o dono do Aprecíe, na Pipa Bacalhau grelhado e purê de batata inglesa

Deguste | Novembro | 2017

40

Aprecíe Restaurante rua dos Ben-tevis, 34, Centro Pipa - tibau do sul/rN Fone: (84) 99194-9771 @aprecierestaurante


41

Deguste | Novembro | 2017


Fotos rogérIo vItal

O concorrido Café da manhã do Nuh virou um mimo para quem gosta de dar presentes

Nuh Café

A proposta de levar um pouco do Nuh para casa vai além das comidas. A louça, que é utilizada na cafeteria, também completa o presente. O kit custa R$ 150, mais o frete de entrega. Os pedidos são atendidos presencialmente ou via WhatsApp, pelo número (84) 99863-5333. As entregas podem ser feitas de domingo a domingo. Há, ainda, opções de mini caixotes, custando a partir de R$ 50, que contemplam apenas lembrancinhas do Nuh.

lança 'caixote de café da manhã' para datas especiais

O Nuh Café, em Pium, lançou um caixote de café da manhã que funciona como opção de presente gastronômico que os clientes podem comprar para ofertar a amigos ou familiares. A ideia teve muito boa aceitação e foi sugerida por um dos próprios clientes da casa, que os contatou para comprar um produto que pudesse servir de presente. O retorno tem sido muito interessante, segundo Rafael Paulo. Depois do primeiro caixote ter sido divulgado nas mídias sociais do Nuh, os pedidos começaram a chegar. Nas datas especiais os caixotes são muito encomendados. Os caixotes seguem a linha do serviço personalizado que o Nuh dispõe. Por isso, nunca são iguais uns dos outros, e tudo é acertado previamente com o interessado. A base de itens é uma planta, uma plaquinha feita por uma artista plástica, pães artesanais, sucos, pó de café e chá. Alguns mimos completam o kit. Deguste | Novembro | 2017

Rafael Almeida e Rafael Paulo, os donos do Nuh Café

42

Nuh Café av. Joaquim Patrício, 1958 Pium - Parnamirim/rN Fone: (84) 99863-5333 @nuhcafe /nuhcafe


43

Deguste | Novembro | 2017


Saboreando Paris

Louise Elali

louise@saboreandoparis.com

Entre gregos e romanos,

la pâtisserie française Croissant, brioche, quiche, macaron, éclair, chou… Nessa coluna nós já conversamos muito sobre as delícias da pâtisserie française. Mas... o que é pâtisserie mesmo? A pâtisserie é um tipo de padaria especializada em bolos, pasteis, tortas e doces de forma geral: pense em delícias com massas folhadas e iguarias feitas com “massa podre”. Apesar da palavra trazer imediatamente associações adocicadas à memória, la pâtisserie française também inclui tortas salgadas, quiches e “pãezinhos” delicados, como o croissant. Os historiadores ligam as origens da pâtisserie ao período clássico e antigo. Egípcios e gregos já degustavam iguarias que, atualmente, poderiam ser encontrados em uma dessas típicas lojinhas francesas, como os bolos de mel, frutas e sementes. Por sua vez, os romanos criaram uma massa com farinha, óleo e água usada para cobrir carnes antes de levá-las ao forno, e mantê-las suculentas. Porém há controvérsias: a tal massa era jogada no lixo na hora de servir. Receitas mais semelhantes às que conhecemos, só começaram a aparecer no período medieval quando, por meio dos Grand Chefs reais, as tortas recheadas apareceram nas mesas dos buffets de gala, e viraram moda no século xVII. De lá para cá, la pâtisserie française ganhou fama, além de aperfeiçoar técnicas e requintes que deixam

Deguste | Novembro | 2017

o mundo inteiro com água na boca. Hoje, na França, essa denominação não indica apenas uma simples especialidade, mas sim um título oficial, cujo uso é controlado pelo governo: só podem acrescentá-lo à vitrine as lojas que empregam um chef pâtissier licenciado, ou seja, que passou por um processo extensivo de especialização, abrangendo estágio e prova escrita. É impossível passar pela vitrine de uma típica pâtisserie française e não ficar com vontade de entrar. Entre tarte tartins e mille-feuilles, fica difícil acreditar que os romanos jogavam suas massas fora... certamente ainda faltava um toque francês.

44


curva do sol

45

Deguste | Novembro | 2017


A chef Anna Cláudia Nascimento, do Anna Cozinha Contemporânea

Anna Cozinha Contemporânea lança sugestões de pratos especiais para almoço grelhados. O preço varia de acordo com o prato, numa média de R$ 40,00. Com o sistema de sugestão surgido há pouco mais de um mês, a chef diz já ter indicado pratos como Prime Rib e Burrata. Entre as próximas dicas está o Peixe Branco ao Molho de Açaí. Já o Petit Gateau com Gellato de Rapadura é novidade no cardápio, entre as sobremesas. A casa abre de quarta a domingo, a partir das 19h. Almoço a partir das 12h no domingo.

Funcionando desde 2015 em Petrópolis, um dos bairros com maior número de empreendimentos gastronômicos da cidade, o Anna Cozinha Contemporânea sempre guarda uma novidade para seus clientes, principalmente para os mais fiéis, que sempre pedem à chef Anna Cláudia Nascimento algo novo, fora do cardápio. Foi então que ela decidiu surpreender, criando uma sugestão de prato novo, a cada semana, para o almoço de domingo, sem perder a identidade da casa, entre pratos regionais e internacionais, com uma variedade de risotos, massas, frutos do mar e carnes especiais. Percebendo o sucesso dos risotos entre os clientes, ela havia sugerido na semana desta reportagem um Risoto de Filé Mingon com cubos de queijo coalho

Deguste | Novembro | 2017

Anna Cozinha Contemporânea rua Potengi, 584 Petrópolis - Natal/rN Fones: (84) 3345-0046 | 99205-6982 @annacozinhacontemporanea /annacozinhacontemporanea

46


47

Deguste | Novembro | 2017


Cores e sabores da

Mambo Creperia

Há quatro meses funcionando na antiga “Rua do Salsa”, em Ponta Negra, a Mambo Creperia parece ter chegado mesmo para conferir ainda mais cor e sabor ao local. E não é apenas a fachada da casa que é colorida. A massa de todos os crepes também! E o melhor é que são pigmentos naturais, nada artificial. A proposta divertida também está presente no nome dos crepes, todos batizados com gêneros musicais – folk, guarânia, sonero, milonga, moda de viola, pachanga, manguebeat, black gospel, kabuki, mariachi... O preço médio é R$18,00. O crepe carro-chefe da casa é o de camarão com gorgonzola. Entre as novidades do cardápio estão os crepes de rúcula com alho frito e chocolate com doce de leite e castanha. Vale ressaltar que todos esses nomes de ritmos nos crepes compõem a ótima trilha sonora da casa. Uns dos motivos pelo qual não há música ao vivo, segundo conta o empresário Renato de Lucca, dono da Mambo. Ele também é proprietário do Taverna Pub, que oferece descontos todos dias a quem saborear um dos crepes do cardápio. O Mambo também tem outras promoções. De segunda a quinta-feira, a casa oferece rolha free aos apreciadores de vinho. E quem pedir um crepe e pagar mais R$3,30 ganha um copo de suco de uva integral, da OQ Bebidas Saudáveis, empresa pernambucana, parceira da creperia, que também oferece coquetéis com vodka ou gin, vinho e cervejas especiais. Petiscos “de boteco” também estão na lista. Para quem desejar ter os crepes coloridos da Mambo em sua festa, aniversário, confraternização ou evento, a casa já está aceitando reservas, com um equipe exclusiva para esse tipo de serviço. A Mambo Creperia funciona de segunda-feira a sábado, das 18h30 a 0h30; e, aos domingos, das 18h às 23h30. Deguste | Novembro | 2017

48

Fotos rogérIo vItal

A Mambo Creperia dispõe de cervejas especiais

Renato de Lucca também é o dono da Taverna Pub

Mambo Creperia rua Dr. manuel augusto Bezerra de araújo, 142 (em frente ao taverna Pub) Ponta Negra - Natal/rN Fone: (84) 3236-3696 @mambrocreperia /mambocreperia


49

Deguste | Novembro | 2017


Deguste | Novembro | 2017

50


51

Deguste | Novembro | 2017


Fotos rogérIo vItal

Tempero da Zefinha

em Tabatinga

Um dos restaurantes do momento no litoral sul da Grande Natal é o Tempero da Zefinha, do casal Eloina Fosenca e Jory Trigueiro, em Tabatinga. Rústico e no estilo pé na areia, o restaurante é montado na casa de praia típica de pescadores, que se transformou em um aconchegante ponto de atração de gourmets de Natal. Zefinha é o nome da pescadora que, conforme a lenda local da praia de Barra de Tabatinga, era a única mulher que ia ao mar nos barcos em que só os homens tinham coragem. Quando voltava, com pesca farta, ela reunia a comunidade e realizava um escambo de produtos e frutos do mar. Nessas ocasiões, era servida uma moqueca. “De todas as moquecas da comunidade, nenhuma tinha o tempero tão bom quanto o da Zefinha”, contou Jory Trigueiro. A casa onde morou Dona Zefinha, atualmente, pertence ao servidor público Jory Trigueiro, que comprou o local em 2005. No final de 2015, ele decidiu viver na praia. A esposa, psicóloga Eloina Fonseca, o acompanhou na aventura e o kwow how determinante para a inauguração do restaurante foi a vocação profissional da filha mais velha de Jory, Larhissa Gurgel Trigueiro, que é formada em Gastronomia e vem construindo carreira como consultora no segmento. O Tempero da Zefinha foi fundado em dezembro de 2015 para funcionar apenas no veraneio. No entanto, nunca mais os donos conseguiram fechar o estabelecimento nos finais de semana. Uma reserva foi puxando a outra até chegar ao ponto de ser complicado conseguir uma mesa aos sábados e domingos em cima da hora. O cardápio começou com os produtos do Deguste | Novembro | 2017

Restaurante rústico à beira mar em Tabatinga

Eloina e o marido são donos do Tempero da Zefinha

dia. O que se podia comprar dos pescadores locais, era servido. Mas a demanda cresceu e foi preciso padronizar e contatar fornecedores para ter agilidade no serviço. Hoje, são 15 opções de entradas e pratos à base de peixe, camarão, moqueca e polvo. O funcionamento no almoço é nos sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h. Das quartas às sextas-feira, a casa abre somente com reservas (inclusive para jantar) com quantidade mínima de seis pessoas. Não há uma carta de vinhos. Mas alguns rótulos e espumantes estão à venda. Os drinks são muito Tempero da Zefinha apreciados. A taxa de rolha rua Barra de tabatinga, 08 é de R$ 20,00. Nísia Floresta - rN Fone: (84) 99666-2285 @temperodazefinha

52


53

Deguste | Novembro | 2017


Opinião

Arthur Coelho

chef-coelho@hotmail.com

Formação de equipes Alguma receita de sucesso? resultado. Deixar-se abater e ser reativo a qualquer mudança não pode fazer parte de uma boa equipe e de um bom líder. Olhe cada um com um olhar especial! Sem “paternalizar”, mas sendo justo, equilibrado, transparente e, principalmente, visionário, pois em cada um dos participantes, existirá um potencial a ser descoberto e desenvolvido. Não existe ser que esteja completamente formado e fechado em si mesmo, a ponto de não se permitir novas experiências, novos desafios e possibilidades de maiores acertos. Trate sua equipe como ÚNICA! Desenvolva sua equipe como a VENCEDORA! SE esforce para se fazer entender! Peça um feed-back e construa um diálogo aberto com todos. Sinta-os encorajados, estimulados, participantes, como um elo forte dessa engrenagem! Lembre-se: se tudo dá certo, parabéns para a equipe! Se tudo dá errado, o problema é do líder! Não veja isso como obstáculo, mas sim como desafio. Sua equipe deve ter a sua personalidade, porém sem perder a identidade de cada um dos participantes. O estímulo nem sempre é o financeiro. Pode ser apenas umas boas gargalhadas no final do dia, com o sentimento do dever cumprido e, principalmente, acreditando que o amanhã será desafiador, porém a vontade de vencer será ainda maior!

Como formatar uma boa equipe? Existe alguma receita determinada? Um trunfo na manga? Ou esse desafio continuará sendo o “calcanhar de Aquiles”? Bem, vamos pensar juntos em um caminho melhor e quem sabe no final da caminhada, olhemos para trás e respiremos aliviados por termos conseguido formatar uma equipe de sucesso e de bom aprendizado. O valor da comunicação, da orientação e das discussões saudáveis em busca de novos resultados podem ser fatores agregadores nessa busca. Um líder de equipe (leia-se: Chef) deve ser transparente, objetivo e planejador, de forma que o planejamento possa ser executado por toda a equipe e não só por ele. Diagnosticar limitações e talentos deve ser uma missão constante para uma avaliação da equipe, dando a oportunidade de desenvolvimento desses talentos e de ajuste dessas limitações. Uma equipe deve ser comprometida com um ideal que tenha a participação de todos, do líder, da empresa, dos colaboradores e fornecedores externos. Tudo pode influenciar na alteração de resultados. De problemas pessoais a dificuldades estruturais, porém isso não pode ser tratado de forma fatalista e sim como busca de novos caminhos para rompermos as barreiras. Um líder participativo deve ouvir, construir, avaliar, reprogramar, contribuir, operacionalizar e dar cabo de tudo o que for possível para que sua equipe tenha uma percepção real do cenário e das expectativas do bom

Deguste | Novembro | 2017

54


55

Deguste | Novembro | 2017


Deguste | Novembro | 2017

56

Revista Deguste - Novembro 2017  
Revista Deguste - Novembro 2017  

Veja o que foi destaque na edição de novembro de 2017 da Revista Deguste

Advertisement