Page 1

V

Está fundada a Liga Brasileira de Xadrez (LBX), instituição que atuará difundindo o xadrez em todos os Estados do Brasil. Um seleto grupo de enxadristas e representantes estiveram no dia 21 de setembro, em Brasília-DF com a proposta da fundação da nova entidade brasileira. Confiram a matéria exclusiva e especial do jornalista, Frederico Gazel.

ejam a importância de um dos aplicativos mais rentáveis da história da Internet, o Instagram. A jornalista Karine Alonso, traz em sua coluna, a visão de internautas e também das empresas que hoje utilizam o meio como uma forma de massificar as suas marcas na web. Além disso, ela deixa algumas dicas importantes para quem ainda não sabe utilizar este aplicativo.

A greve dos bancos em Minas Gerais, já está para completar 2 meses e o sindicato da classe ainda não conseguiu fechar um reajuste salarial para seus respectivos funcionários . Veja no Editorial do jornalista Felipe de Jesus, uma analise dos problemas que a greve vem causando na vida dos clientes e também dos próprios patrões. Confira!

Leia na página 3

Leia na página 7

Leia na página 2 Edição 17 - ANO 4 - Outubro e Novembro de 2013 -

R$ 1,00

Publicação da Agência de Comunicação e Publicidade Correio Eletrônico (ACPCE) www.jornalcorreioeletronico.com.br Todos os Direitos reservados

Revista

Foto: Divulgação Assessoria / Patati e Patatá

Dia das Crianças

Leia mais:

Página 9 Novo disco do U2 deve ser

Ass. Tianástacia

musical com o CD - Love Love

Página 6

O

disco marca a maioridade da banda formada por Podé Nastácia (vocal), Maurinho Nastácia (vocal e violão), Antônio Júlio Nastácia (guitarra), Beto Nastácia (vocal e violão), Glauco Nastácia (bateria), que completou 18 anos de carreira. Confira a matéria.

Divulgação

Mercado Central fará expansão com aporte de R$ 80 milhões

lançado até novembro de 2013 U2.com

Tianastácia volta ao cenário

D

esde o ano de 2009 já existe um plano de expansão para o Mercado. No momento ele está nas mãos da PBH aguardando aprovação para iniciar as obras. Confira a entrevista com o presidente do M.C.

Página 5

A

pós 4 anos de espera, os fãs da banda Irlandesa, poderão matar as saudades da voz de Bono Vox, dos acordes da guitarra de The Edge, do baixista Adam Clayton e o som da bateria sincronizada de Larry Mullen Jnr. O novo disco, poderá sair ainda neste mês e o nome mais cotado para ele é: "Manhattan". Veja mais na matéria do jornalista - Felipe de Jesus.

Página 8


Revista

Editorial Felipe de Jesus

Sem solução para a greve dos bancos, clientes pagam o preço

D

esde o final de agosto de 2013, várias agências bancárias de Minas Gerais aderiram a greve com o impulso do Sindicato dos Bancários Nacional. A classe exige aumento, mas os patrões não querem ceder tão facilmente e por isso, diversas agências estão com parte de seus serviços para os clientes parados. De acordo com relatos enviados por leitores a nossa redação, representantes do sindicato estão ficando nas portas dos bancos para certificar que nenhum funcionário trabalhe. Além disto, em alguns bancos, não é possível achar envelopes para depósito em dinheiro, apenas em cheque, o que está atrapalhando a vida de muitos clientes que necessitam fazer pagamentos urgentes em espécie. A greve é legítima e deve ser feita sempre quando necessária, o problema é que o sindicato e seus respectivos funcionários, se esquecem que o cliente (este que nos procura para desabafar), é aquele contribuinte mensal que paga até R$30 reais de manutenção de conta e mesmo assim, está sendo prejudicado. Um banco é uma ‘empresa’ (privada) e que precisa de clientes para manter a sua máquina em atividade. Por este motivo, é viável que os funcionários do Sindicato dos Bancários, não atrapalhem ainda mais a vida dos clientes, pois para que o sindicato continue em atividade, não basta apenas exigir melhores salários para o funcionalismo bancário, é preciso ter clientes para mantê-los. Antes de obstruírem ou atrapalharem os clientes, lembremlembrem-se que para construir uma casa, são necessários vários trabalhadores e que apenas um trabalhador não move e não moverá nenhum moinho. O cliente é a peça fundamental para a sobrevivência de um banco.

Presidente /Jornalista e Publicitário Responsável Felipe José de Jesus Jornalista (JP) - (FENAJ:15.263-MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Publicitário - (APPB:3.040- RP/SP) - (Associação dos Profissionais de Propaganda do Brasil - RP- SP) Turismólogo - (IBT:02.941/ BH-MG) (Cat.colaborador) - (Instituto Brasileiro dos Turismólogos - BH-MG) Editor Geral do JCE: Diretor de Redação / Editor de Economia e Finanças e Entretenimento Pós graduado (Lato Sensu) em Administração e Marketing Mestrando em Comunicação Social: Especialização em Jornalismo e Ciências da Informação

Conselho Editorial RCE - Jornalistas (JP) Karine Alonso Jornalista (JP) - (FENAJ:16.315.MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Diretora / Editora de Esportes e Fotografia (Imagem em Pauta) Pós graduando em Jornalismo Esportivo Frederico Gazel Jornalista (JP) (FENAJ:15.423-MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Diretor / Editor de Xadrez - (Xadrez) Mestre FIDE (Mestre da Federação Internacional de Xadrez)

Parceiros/ Colunistas Jô Amaral - (Jornalista - JP) Reg. Prof.12.127-MG - (Coluna: Em Campo) Fernando Roger- (Marketing JCE) - (Coluna: Cinema em Pauta) Colaborou nesta edição: Jornalistas: Paulo Nunes e Ana Dias (SP)

Comercial JCE (Marketing - Publicidade) Felipe de Jesus - Jornalista (JP) e Publicitário (P) Fernando Roger - Marketing (MK- JCE) Karine Alonso - Jornalista (JP)

Distribuição da Revista e Diagramação Jornalista (JP) e Publicitário: Felipe de Jesus

Fotografia: Equipe da RCE e Divulgação Assinatura da revista e anúncio (Anuncie na revista e ganhe sua publicidade no site do JCE) agenciadecomunicacaocorreio@gmail.com e jornalcorreioeletronico@gmail.com

Site do Jornal Correio Eletrônico www.jornalcorreioeletronico.com.br

Facebook - Jornal e Revista Correio Eletrônico https://www.facebook.com/jornal.eletronico Impressão: Gráfica IMAGE - Artes Gráficas - Belo Horizonte - Minas Gerais Uma publicação da Agência de Comunicação e Publicidade (ACP Correio Eletrônico) Contatos: OI (031) 8561 - 5255 - OI:8570-7347 (BH-MG) e CLARO: (031) 8254 - 5811

CNPJ: 17.169.522/000117.169.522/0001-14 - MEI (ATIVO) Todos os Direitos Reservados - 2012

Fala leitor.. Este espaço é para os leitores da ‘Revista Correio Eletrônico’ deixarem seus comentários sobre as nossas matérias, artigos e capa preferida . Participe, o seu comentário pode sair na próxima edição!

Felipe de Jesus Editor Geral E-mail: jornalcorreioeletronico@gmail.com

N

ão ficar em cima do muro. É assim que classifico a atitude dos representantes desta publicação. Vi diversos jornais maquiarem a situação das manifestações e alguns meios de comunicação tentando burlar a real situação através da ‘Copa das Confederações’, que absurdo.!! Isto me fez lembrar a revista Veja, quando ao invés de fala sobre o ‘Mensalão’, que era um assunto que estava estourando como pipoca na panela brasileira, deu sua capa para uma novela, isso mesmo, uma novela da 21h. Sei que muitas redações dependem de publicidade, isto é fato, pois já trabalhei próximo a uma redação e a um comercial na imprensa. Belo Horizonte mostra, como, no Diretas Já de 1985, que é uma cidade antenada e que quer mudanças urgentemente. Estendo os meus parabéns para toda a equipe, que todo mês fala sobre cultura, economia, dicas de filmes, fotografia e também xadrez, de uma forma saudável e não exagerada para o leitor. Esta capa fico show, pois remete em minha opinião ao ‘Diretas Já’, momento histórico do Brasil. Os relatos foram muito bem colhidos, parabéns a todos!!

Luciano Alvarez - Administrador de Empresas

FilieFilie-se e adquira a carteira de associado - Contato BH: (031) 82548254- 5811 / 85618561-5255

2


Xadrez...

Fotos: Divulgação LBX

3

Liga Brasileira de Xadrez é a nova organização dos competidores enxadristas Com menos burocracia, entidade pretende promover o xadrez em todos os cantos do país Jornalista (JP) Frederico Gazel

E Leandro Salles, Presidente da LBX: “O enxadrista poderá participar ativamente de todas as decisões da LBX, pois o intuito é que ela seja totalmente democrática e que as decisões não sejam centralizadas em poucas pessoas”

stá fundada a Liga Brasileira de Xadrez (LBX), instituição que atuará difundindo o xadrez em todos os estados do Brasil. Foi o que prometeu o seleto grupo de enxadristas representantes dos mais diversos lugares do pais. No dia 21 de setembro, atletas, mestres, técnicos professores, dirigentes e pessoas ligadas ao esporte, se reuniram em Brasília-DF com a proposta da fundação da nova entidade brasileira. Em assembleia, foram empossados diretores de diversos setores: administrativo, contábil, técnico, relações exteriores conselho fiscal, entre outros. Foram nomeados também, Diretores Estaduais e Regionais a fim de representar seus enxadristas em estados deslocados das regiões centrais. A ideia da Liga, vai além das fronteiras que cercam os maiores pólos enxadrísticos, mas também, a lugares em que pouco se via investimento da Confederação Brasileira de Xadrez (CBX),- entidade responsável atualmente pelo xadrez no país. No mesmo dia, foi realizado um torneio em comemoração à inauguração com premiação em dinheiro. A decisão de criar uma nova instituição veio por meio de atletas e amantes do xadrez pelo descontentamento das ações da principal entidade em exercício. O questionamento vem por diversas partes: veto de federações junto a CBX, escala de arbitragem aumento de taxas em curto prazo entre outras. Mas a maior queixa dos enxadristas está muito além da entidade esportiva, e sim um caso de justiça comum: venda casada. O órgão máximo do xadrez nacional, exige em determinados torneios, que os atletas se hospedem no hotel conveniado ao evento, - prática ilegal com penalidade prevista no código de defesa do consumidor. A proposta é de garantir a idoneidade dos atletas e popularizar mais o xadrez, tornando mais acessível e menos burocrático. Para o VicePresidente Técnico, e ex-membro da CBX, Francisco Ari Maia Júnior é permitir a prática esportiva a todos. “A grande mudança é a potencialização do xadrez popular. Existe uma verdadeira parede de procedimentos burocráticos hoje na Confederação Brasileira de Xadrez, formada por ameaças, multas, taxas, punições, apadrinhamentos e outros que impede aos pequenos organizadores montarem torneios pelo Brasil afora. A LBX vai permitir que todos os organizadores de qualquer envergadura possam realizar torneios e assim poderemos valorizar o trabalho dos enxadristas de todo o território nacional de forma integrada”, garantiu. MUDANÇA >> Ari Maia, ainda atribui a Liga como uma nova aposta para o esporte sem entraves políticos ou sociais. “A LBX é uma entidade essencialmente inclusiva, que quer uma profunda mudança


4

Cinema em Pauta Gol - O Sonho Impossível Liga Brasileira de Xadrez (LBX)

Título original: The Dreams Begins Gênero: História / Esporte

eventos. Para o Vice-Presidente de Xadrez Escolar da Liga, José Antônio Nery Jr, as novidades são muitas. “Pela acessibilidade da liga, os números de associados podem aumentar com o baixo custo dos valores de inscrições e a pouca burocracia aos organizadores. A liga pretende tratar os jogadores com respeito como por exemplo, os locais e condições dos atletas devem ser pensados. Já joguei muitos eventos no Brasil afora, em locais precários ao lado de shows com som alto, obras e etc. ou seja sem planejamento algum. A LIGA também cuidará desse propósito em condições mínimas para a prática”, afirmou. O xadrez brasileiro é democrático no entanto, o Vice Presidente Financeiro, Ari Maia, ressalta sobre a união de todos em razão do esporte. “Queremos que as entidades do xadrez (Clubes, Associações, Federações e Confederação) lembrem que o papel delas é fomentar o xadrez, não lutar contra. Fora do xadrez já existem muitas Assembleia limitações ao nosso esporte, as entidades não podem ser mais uma. O nosso foco é a mis s ão de propagar o xadrez pelo país. Não somos oposição à CBX, somos entidades com perspectivas e valores diferentes. Ademais ela representa as Federações, nós os jogadores”, completou. TORNEIOS >> Conforme os dirigentes, quem desejar organizar torneios pela Liga poderá fazê-lo sem custos ainda em 2013. A partir de 2014, uma taxa será cobrada do organizador por jogador para cobrir despesas e promover maiores eventos.

Q

Divulgação

uem não quer ser jogador de futebol?. Essa é a base do filme “ Gol – O Sonho Impossível ” que conta a história de Santiago Munez (Kuno Becker), um jovem mexicano que quando criança juntamente com sua família entrou ilegalmente no EUA, e lá começou a trabalhar com seu pai limpando piscinas. Em suas horas vagas, jogava bola em um time local com sua habilidade diferenciada mostrava a todos como se deveria jogar, com muitos dribles e golaços ele cativava as atenções de todos em cada jogo que fazia, e em um desses jogos ele conheceu Glen Foy ( Stephen Dillane ), um ex-jogador do Newcastle United ( um clube da primeira divisão do futebol inglês) e antigo olheiro também, que ao ver jogar ficou interessado no futebol do jovem que tinha tudo para se tornar um jogador esplêndido. Mas como nem tudo são rosas, as dificuldades começou a aparecer , com seu pai mesmo não concordando ele juntou dinheiro para ir atrás da oportunidade que Glen queria lhe dar em Londres, o sonho de todo mundo, fazer teste em uma equipe de ponta, e não poderia ser diferente ele chegou de cara no Newcastle United para mostrar o que sabe, foi onde todo o sonho começou a se desmoronar perante seus olhos, e tudo começou a dar errado. Ele tinha perdido a chance de permanecer no clube depois de um coletivo ruim, Glen pediu mais uma chance para o jovem poder mostrar que o mundo dele era isso, o futebol, com tudo o jovem teve mais um oportunidade no Newcastle de mostrar para o que veio e novamente falhou depois de não relatar ao departamento medico que tinha asma, em uma nova chance dado ao pediu de um dos craques da equipe Gavin Harris ( Alessandro Nivola ) um baladeiro no mundo do futebol, ai sim ele conseguiu se firmar e começou a trilhar o caminho da vitoria ajudando o Newcastle a se classificar para UEFA Champions Ligue ( A Liga dos Campeões da Europa ). Nesse filme temos a presença ilustre de reais craques de futebol da atualidade e que também se aposentaram resentimente, tipo como Zinedine Zidane, David Beckham, Raúl, Alan Shearer e o técnico Sven-Göran Eriksson compõem o elenco desse filme que foi um dos melhores que já vi no gênero do futebol. Já foram lançados as outras duas continuações desse filme “ Gol 2 – Vivendo um Sonho ” e “ Gol 3 – Conquistando o Mundo”, assim formando a trilogia que conta e mostra todos os passos que um jogador profissional passa realmente, sem exageros e que não é fácil se tornar um jogador e nem tão pouco se manter nesse mundo futebolístico que não é só manti-

do pelo esporte mas também pelas aparências.Nas continuações desse filme, Munez ainda vai para um time da elite do futebol espanhol e no terceiro filme já mostra ele em sua seleção defendendo a camisa mexicana. Simplesmente o melhor filme de futebol que já vi, tanto em história quanto em conteúdo, pois para quem já viveu um pouco disso, sabe como é........ Divulgação

democrática no xadrez nacional. Queremos todos os árbitros, jogadores, organizadores e dirigentes do país no nosso sistema, independente se são de situação ou oposição. Queremos discutir ideias, propor um debate onde o contraditório seja aceito e que as pessoas não sejam perseguidas por defenderem ideias e ações. A LBX veio para trazer mais xadrez para o país” acrescentou. Desde a criação, as ações deram início com uma página nas redes sociais, emissão de carteirinhas para o associados e descontos já são propostas imediaVice- Presidente Técnico tas da LIGA. Já há Ari Maia e o Membro Efetivo estados com eLincoln da Silva Lucena ventos marcados no calendário ainda este ano (BA, PR, MA, SC, DF, GO entre outros). Ainda sim, lançar o site o também é uma prioridade segundo os dirigentes. O recém eleito presidente da LBX, Leandro Luiz Krause de Salles, contas sobre as vantagens de se filiar a LBX. “É imprescindível que todo e qualquer atleta tenha oportunidades em igualdade nas competições e que todos os estados possam realizar suas competições e, assim, disseminar o xadrez. O enxadrista poderá participar ativamente de todas as decisões da LBX, pois o intuito é que ela seja totalmente democrática e que as decisões não sejam centralizadas em poucas pessoas. Além disso, o enxadrista vai poder jogar os torneios da Liga por todo o Brasil, ter um rating (pontuação no ranking) da LBX além de receber uma carteirinha, com a qual vai poder fazer as suas inscrições para os eventos”, ressaltou o presidente. As mudanças da nova entidade abrange diversos pontos, que vão desde a burocracia até o respeito com gestão dos

Colunista: Fernando Roger Editor da coluna: Jornalista (JP): Felipe de Jesus FENAJ:15.263FENAJ:15.263-MG (SJPMG)


5

Economia e Finanças...

Fotos: Divulgação

Mercado Central fará expansão com aporte de R$ 80 milhões

Jornalista (JP) Felipe José de Jesus

O

Mercado Central, um dos locais mais visitados, segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), completou 84 anos com uma grande notícia para os visitantes: sua expansão. De acordo com a diretoria do Mercado, há muitos anos, o conselho e lojistas já tinham a ideia de fazer melhorias no local, mas não havia um projeto pronto para dar vida a este desejo. No entanto, no ano de 2009 foi criado um plano de expansão, e hoje ele está nas mãos da PBH aguardando aprovação para iniciar as obras. Em entrevista, o presidente do Mercado Central, José Agostinho Oliveira Quadros, mais conhecido como Nem, afirma que a extensão do local vai desafogar o trânsito da capital. “Já estávamos perdendo muito espaço na nossa casa e por que não construir para cima? Hoje, o estacionamento que atende os clientes é pequeno e as vagas para estacionar os carros vão a cada dia diminuir na cidade. Prova disso, é que com a inserção do BRT nas vias, e já sabendo que o complexo Minas Centro e o bairro Barro Preto não têm estacionamentos, nós seremos um suporte para atendêlos. No Mercado temos aproximadamente 1600 vagas e vamos dobrar. Estamos ajudando na mobilidade da cidade”, co-

menta. Questionado sobre o valor a ser gasto com esta expansão e se existem empresas parcerias participando, Agostinho diz que os recursos serão oriundos do próprio Mercado. “Para a concepção desta obras, vamos investir cerca de R$80 milhões. Cada loja aqui dentro tem o seu CNPJ e é independente, por isso, não podemos exigir muito. O que faremos para angariar esses recursos é o seguinte, a associação vai fazer um consórcio para os seus associados, para que mensalmente eles paguem um valor. Além disso, faremos empréstimos, mas ainda não sabemos de quanto”, completa. Lucros Em relação aos benefícios que a ampliação poderá trazer para os clientes e lojistas, Agostinho afirma que todos vão ganhar. “Sem estacionamento em uma loja, o cliente não volta, isto é um fato. Só no Mercado nós recebemos cerca de 30 mil pessoas por dia, aproximadamente 1 milhão todo mês. A expectativa é que após as obras mais pessoas passem pelo Mercado, o que vai impulsionar as vendas para os comerciantes em pelo menos 30%”. De acordo com o presidente, o alargamento do Mercado não é destinado para criar mais lojas, pois eles não querem concorrência no local. “Nunca pensamos em outra obra que não fosse à de extensão do estacionamento. Serão construídas somente paradas para os carros, pois como diz o ditado, ‘em time que está ganhando não se mexe’”, afirma.

José Agostinho Oliveira Quadros Presidente do Mercado Central: “Esta expansão vai desafogar o trânsito da cidade” cidade

Eventos >> Perguntado se a obra foi incentivada pelo fato de BH ser sede de eventos esportivos, ele diz que as alterações não têm nenhuma relação com os jogos. “Na Copa das Confederações de 2013 tivemos um movimento forte e o crescimento nas vendas, o que contrariou as pesquisas jogadas na imprensa. No entanto, para a Copa já temos ações como cursos de inglês para nossos funcionários e queremos colocar alguns telões espalhados no Mercado, até porque não vai ter ingresso disponível para todo mundo que quiser ir ao Mineirão”, acrescenta. Sobre a aprovação da prefeitura ao projeto, Agostinho é direto e afirma que ela deve sair logo. “Estamos aguardando, mas temos convicção que essa ideia vai sair do papel. Temos pessoas sérias e comprometidas com os benefícios que a obra trará para a cidade”, conclui.


Fotos: Divulgação/ Assessoria Tianastácia

Entrevista JCE...

6

Tianastácia faz homenagem aos cães com CD ‘Love Love’

O CD - Love Love é o 9º disco do Tianastácia e traz uma regravação dos Mutantes

Jornalistas (JP) Felipe José de Jesus e Ana Dias

Eu tenho um poodle, eu tenho um labrador, eu tenho vira-lata, eu tenho um pastor, eu tenho um fila, eu tenho um basset, eu tenho um sheep dog que parece com você, au, au, au meu cachorro é tão legal”. É com o refrão da música - Love Love, que o grupo mineiro Tianastácia volta ao cenário musical depois de três anos sem novidades. O disco marca a maioridade da banda formada por Podé Nastácia (vocal), Maurinho Nastácia (vocal e violão), Antônio Júlio Nastácia (guitarra), Beto Nastácia (vocal e violão), Glauco Nastácia (bateria), que completou 18 anos de carreira com oito CD´s de estúdio e um ao vivo. Em entrevista, Podé afirma que a maturidade alcançada pelo grupo pode ser descrita no novo som do CD - ‘Love Love’. “Na verdade, o tempo traz certo amadurecimento e foi o que aconteceu com a gente. Eu entrei em 1995 na banda e logo em 1996 gravamos o nosso primeiro disco, com ideias diferentes, era um tempo diferente. No entanto, esta maturidade que alcançamos com o novo disco, passa pela sonoridade que não tem tanta guitarra, tem mais violão. Quanto mais à gente compõe, mais a gente tem liberdade e uma malícia, ou seja, é a maturidade que chegou com toda força”, comenta. Segundo o vocalista, o novo disco se destaca em relação aos anteriores, principalmente por que foi gravado por Liminha, produtor musical que já assinou álbuns de Lulu Santos, Gilberto Gil e Kid Abelha. “Ele se destaca por que as músicas estão muito bem resolvidas. Tudo passou pelas mãos de Liminha, de ideias até a produção. Este é o nosso 9º disco e afirmo, o apoio dele foi essencial. Existem duas fazes em minha vida musical, uma antes de conhecer ele e a outra depois que eu o conheci. O Liminha está em ponto de sua vida, em que ele escolhe a banda e não a banda o escolhe. Ele praticamente ‘comprou’ o Tianastácia sabe, tanto que já o consideramos da família. Nosso disco não foi feito por cinco, mas por seis mãos. Ter ele como produtor foi sensacional”, diz agradecido. Composições >> A faixa - Love Love marca o novo disco

do Tianastácia e Podé acredita que a criançada vai adorar ela. “Love Love é uma música do nosso baixista, o Beto. Ele fez a música para sua filha de cinco anos de idade e surgiu por que ele descobriu que existe em São Paulo, mais Pet Shop do que farmácia. Além disto, percebeu que o brasileiro é apaixonado por cães. O Beto tem uns 18 cães na fazenda da família e uns três em sua casa. A música entrou na trilha do filme, Mato Sem Cachorro, que vai estrear logo. É uma homenagem e nosso amor ao melhor amigo do homem”, diz. Além da faixa - Love Love, o disco traz outros destaques que afirmam o bom humor do grupo. Podé lembra que - El Nobre Aventureiro é uma piada. “A música foi feita meio que por brincadeira no estúdio Nas Nuvens, uma “tirada” de onda e tem a participação do músico Marcos Suzano. Ela é um portunhol, e o curioso é que ela completou a lacuna que tínhamos no disco. Queríamos algo meio mexicano e por sorte, achamos um restaurante mexicano no Rio de Janeiro e lá tinha um músico tocando trompete e violão, foi sorte mesmo”, relata. Destaques >> Sobre a faixa - Tudo Fica Bem, que fala do desapego material, ele afirma que ela vai tocar os fãs. “Ela é uma música cabeça, mais conceitual feita por nosso guitarrista Antônio Júlio. Digo isso, pois 50% das músicas brincalhonas são minhas e do Beto. Não temos vaidade em quem canta ou não. Já a canção - Último Beijo foi composta quando estávamos em uma fazenda e queríamos uma música baranga, mas ela saiu mais simples”, diz. Já em relação à regravação de Posso Perder Minha Mãe, Minha Mulher, do lendário grupo brasileiro – Os Mutantes, o vocalista diz que espera a aprovação da cantora Rita Lee. “Ela é uma releitura e ficamos felizes em por esta música no disco, até por que o Liminha foi dos Mutantes e

participou dela. Fizemos o baixo, a bateria e guitarra. Ela é um LUP que se repete o tempo todo. Ficou muito legal e tomara que a Rita Lee curta ela”, conclui sorridente. Outras informações sobre o novo disco, áudio, fotos e história do grupo pelo: www.tianastacia.com.br. Confiram!


Fotos : Divulgação

S

7

Palavras em Fotografia Jornalista (JP) Karine Alonso

O

Instagram veio para fortalecer ainda mais o time das redes sociais. Depois de facebook, twitter, linkedin, google+ e vários outros, o Instagram roubou a cena, entrando de vez para a rotina dos brasileiros. O aplicativo serve como álbum virtual e as palavras passam a ficar em segundo plano, somente como critério de legendar a foto. Mas engana quem pensa que é só tirar a foto e postar. O aplicativo possui diversos filtros e efeitos que fazem as fotos ficarem mais chamativas e atrativas para os amigos conectados. A estudante Júlia Martins de 20 anos possui a conta no Instagram desde Junho de 2012 e utiliza como um meio de ficar mais perto dos amigos e artistas que gosta: “Costumo postar coisas que gosto, lugares que frequento, pessoas que gosto e quem convive comigo. Eu sigo 270 pessoas e 339 me seguem. Acho muito divertido, tenho amigos fora de Belo Horizonte e posso estar junto com eles através das postagens”, brinca Júlia. Existem as queixas do aplicativo, por ser dinâmico, com textos cur-

tos, as pessoas postam rapidamente e com frequência. Passo a passo de todas as atividades do dia passou a ser postagem chata aos olhos de alguns usuários. Fotos de refeições são exemplos clássicos da falta de criatividade. As empresas acharam um caminho bastante útil para divulgação de suas marcas. Com fotos em tempo real, postam novidades, promoções e novos produtos. Com toda agilidade que o aplicativo possui consumidores dentro de carros, ônibus podem acompanhar as novidades com muito mais facilidade. Um trânsito parado, um celular ou tablete na mão, convida o cliente para uma “passadinha” para conhecer as novidades da sua loja preferida, é uma grande chance de aumentar os lucros do comércio. Então, viva a tecnologia!!!

DICAS: Medidas básicas para segurança fazem toda diferença:    

Evitar postagens de lugares que frequenta; Não postar fotos que mostre casa, faculdade e/ou escola que estude; Não informar horários que estará em determinado local;


Pré lançamento...

Fotos: Divulgação do site - U2 .com

Novo disco do ‘U2’ deve ser lançado em novembro e se chamará "Manhattan" Jornalistas (JP) Felipe José de Jesus e Paulo Nunes

P

ara os fãs que estavam com saudades do bom e velho Rock da banda U2, o mês de novembro promete. Isso por o grupo já está se preparando para lançar seu novo álbum que poderá se chamar, ‘Manhattan’. O disco sela o jejum de 4 anos sem lançar novos trabalhos após o disco, ‘No Line On The Horizon’, de acordo com informações publicadas no site (oficial) do U2Brasil. Segundo o canal, o CD do U2 poderá ser lançado até o dia 21 de outubro de 2013 (mas ainda são rumores) e o primeiro single, "Skyline", tem previsão de sair ainda no mesmo mês. Além disto, uma das novidades reveladas é a participação de ‘The Edge’ nos vocais da faixa "Morleigh`s Song". Participações >> Além desta participação de The Edge, outros artistas farão parte do novo disco, como o produtor ‘Danger Mouse’, que finaliza seu projeto no local e vai assinar o material do U2, e o

Bono Vox (foto de 2013) Na festa exclusiva de audição do material do novo CD ( Terraço do Estúdio Electric Lady - ) dia 28 de setembro de 2013. Algumas possíveis canções do próximo disco, já estão no site da banda

cantor Chris Martin, do Coldplay. Ainda não foi confirmado se Martin participou de alguma gravação para o novo CD. De acordo com o baixista ‘Adam Clayton’, que cedeu entrevista a revista ‘Hot Press’, o grupo quer lançar o disco o mais rápido o possível. “Nós queremos muito ter um disco lançado até o fim de 2013, em setembro, outubro ou novembro. Seria ideal”, disse empolgado.

(foto de 1988)

Time de primeira >> Para o baixista, a banda está em ótimas mãos. “Nós estamos trabalhando com Danger Mouse, que é um cara esperto. Ele está em todas, é muito animado. Formamos um grande time e temos uma sensação muito libertadora neste momento. Tudo funciona. Hoje temos uma abundância de material. Poderíamos gravar vários discos", comentou a imprensa internacional.

Época do disco duplo ‘Hattle Hum’. A canção Desire estava estourada nas rádios mundiais. Nesta época sem a internet, os fãs tinha que esperar o disco”

Trabalho bem diferente >> Ainda de acordo com Clayton, os fãs provavelmente vão encontrar um material diferente dos últimos discos. "Para gravarmos o melhor álbum, nós temos que nos distanciar do que é fácil. Estamos tentando sair da zona de conforto", concluiu.

Bono Vox

Outras informações sobre o novo disco: www.u2.com.

8


Um jeito diferente de ser feliz< MATÉRIA DE CAPA >

30 anos de alegria...

O

s palhaços mais amados do Brasil estão em festa! Patati Patatá comemora 30 anos de carreira com duas apresentações no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte, nos dias 26 e 27 de outubro (sábado e domingo), às 18h. O espetáculo será uma viagem através do tempo que vai contar a história da dupla de uma forma lúdica e inédita. A parte musical da apresentação será um passeio pela discografia e história do Patati Patatá. “O show vai mostrar a importância de sonhar, de ser perseverante e dedicado àquilo que acreditamos”, conta Oswald Berry, diretor do espetáculo. Os ingressos já estão à venda e podem ser adquiridos pelo telefone 4003-5588, pelo site www.ticketsforfun.com.br, na bilheteria oficial do Chevrolet Hall e nos demais pontos de vendas distribuídos pelo Brasil. A realização é da TIME FOR FUN. Patati Patatá é um sonho realizado de Rinaldi Faria, que, desde criança, sonhava em ser artista. Com muito esforço e trabalho árduo, o garoto, que foi mágico, palhaço, ator e apresentador, tornou-se um empresário bem sucedido e respeitado no ramo de entretenimento infantil. Fenômeno infantil, Patati Patatá é recordista na venda de CDs e DVDs, ganhador do Prêmio “Licença do Ano” na categoria Pré Escolar por dois anos consecutivos, disputando com gigantescas marcas e personagens internacionais. Patati Patatá conta com mais de mil produtos licenciados e é a marca mais vendida entre as crianças. Além disso, a dupla também é líder de audiência no segmento infantil, no qual conquistou dois prêmios “Troféu Imprensa” consecutivos, em 2011 e 2012. “Todas as conquistas da dupla nestes 30 anos serão celebradas em companhia de fãs, companheiros e amigos”, diz Rinaldi Faria, empresário e proprietário da Rinaldi Produções, empresa detentora da marca.

Uma história de alegria e amor Aos 14 anos, o jovem mágico Rinaldo Faria, conhecido como “Rinaldi”, já tinha um ideal: ser artista para levar alegria a crianças e adultos. O sonho de garoto começou a tomar forma em 1980 com o grupo circense Patati Patatá, composto pelos palhaços TutiFruti e Pirulito, o ilusionista Alacazam e a Garota Pupy. A sensibilidade extraordinária do empresário, que hoje comanda um verdadeiro império da alegria, levou-o a notar que o público tinha um carinho especial pelos palhaços. O quarteto fantástico então virou uma dupla e Rinaldi adquiriu os direitos de Patati Patatá. Empreendedor, o jovem empresário buscou um contato ainda maior com as crianças e passou a fazer apresentações em escolas, uma alternativa pioneira aos tradicionais circos. Com roupas alegres, músicas empolgantes, muita dedicação e uma boa dose de amor ao ofício, o sucesso foi exponencial e

< MATÉRIA DE CAPA >

Fotos: Facebook e Assessoria de Imprensa Textos retirados do: Release e site da dupla de palhaços

( Presente para o ‘Dia das Crianças 2013’ )

Espetáculo da dupla de palhaços mais amada do Brasil acontece no Chevrolet Hall - BH/MG

A parte musical da apresentação será um passeio pela discografia e história do Patati Patatá.

em pouco tempo a dupla já visitava milhares de escolas por ano em todo o Brasil. A felicidade das crianças era tanta por cantar e brincar com Patati Patatá que esperavam ansiosas para receber quem chamavam de “os meus melhores amigos” – um apelido carinhoso que veio dessa proximidade com os estudantes e foi adotado como slogan oficial. Em maio de 2011, esse fenômeno chamou a atenção da emissora SBT, reconhecida pelo conteúdo infantil de qualidade em seu DNA. Desde então, a dupla passou a comandar o programa Carrossel Animado com Patati Patatá, levando alegria e diversão a milhões de pessoas no Brasil inteiro. Mas é claro que nossa história não para por aí. Ainda existem muitos sonhos a serem realizados e é você, nosso fã, amigo e apoiador querido, que, com a benção de Deus, ajuda-nos a escrever novos capítulos todos os dias!

9


Literatura RCE... Livro sobre bairro Padre Eustáquio narra curiosidades e traz fotos

marcantes do lugar

ado próximo ao centro e a impor10 tantes corredores, como a Avenida Pedro II, o Padre Eustáquio (bairro) se desenvolveu e ganhou comércio vigoroso, além de espaços de cultura e lazer. Os bares e restaurantes da região ganharam atenção especial do autor, pois assim como em cidades do interior, os estabelecimentos foram fundados por famílias que passaram o negócio de geração a geração. O leitor que conhece o bairro poderá relembrar de locais como posto de gasolina, panificadora, supermercado, academia e loja de calçados. Personagens ilustres, famosos entre os vizinhos, casos do Conjunto Santos Dumont, o futebol entre amigos, a Feira Coberta e os milagres do padre que dá nome ao bairro completam a obra de Jeferson de Andrade. Vale a pena conferir!

Construção da Praça São Vicente Foto: B.Padre Eustáquio em 1942

Da Redação

H

istórias sobre o tradicional bairro da região Noroeste de BH estão reunidas em "Padre Eustáquio", 23º título da série "BH. A cidade de cada um", da Conceito Editorial. O lançamento foi no dia 5 de outu-

bro e contou com uma homenagem ao autor (jornalista) Jeferson de Andrade, falecido pouco depois de finalizar o texto do livro. O encontro entre amigos, familiares e público interessado, será celebrado com um feijoada. A obra conta a formação da vizinhança, marcada pela chegada do holandês conhecido como Padre Eustáquio,depois de ter vivido em outras cidades, onde ganhou fama de milagreiro. Situ-

#PartiuMarrocos

Em Campo...

Torcida alvinegra prepara invasão a Marrocos Fotos: Divulgação

A

ntes mesmo da conquista histórica da América pelo Atlético Mineiro em julho, torcedores já planejavam viajar para Marrocos, destino onde será disputado o Mundial de Clubes, em dezembro. E em menos de 24 horas após levantar a taça de campeão no Estádio do Mineirão, a massa atleticana saiu numa busca tão maluca quanto a paixão pelo clube, por pacotes de viagens. Opção não faltou e como esperado, a torcida do Galo promete invadir Marrakesh. Dentre as agências de turismo que oferecem pacotes para o Mundial, uma delas se destaca pela forma que optou para atrair o torcedor. Usando a impactante frase “partiu Marrocos”, a Unitour migrou até o próprio endereço de site para assim chegar, de forma inusitada, até a massa alvinegra. No mercado há 48 anos, a empresa mineira já levou mais de 100 mil pessoas aos quatro cantos do mundo. No currículo, a agência tem o próprio Clube Atlético Mineiro como cliente e é responsável por todas as viagens do time. Com a chegada do time à Copa Libertadores, a empresa decidiu ampliar e passou a oferecer pacotes para a torcida atleticana em todos os jogos do Galo no torneio. A conquista já era esperada e apostando que a paixão do torcedor vai além da capital, a equipe da agência acertou ao oferecer um roteiro dos sonhos de qualquer atleticano. Assistir

José Nepomuceno e sua noiva Daniele Souza

de perto os jogos programados do torneio mundial e com vários itens diferenciados, a viagem oferecida pela empresa ficou ainda mais atraente e prazerosa. Com pacotes que vão desde o mais simples com sete ou onze noites em Marrakesh até o mais extenso, nove noites e uma esticada podendo escolher Madri ou Lisboa, a agência aponta que o principal atrativo para quem vai atrás do time é o vôo fretado. Com o conforto de viajar sem escalas e conexões e tendo como companhia somente atleticanos, o percurso que dura em média 10 horas, promete ainda sorteios de brindes e muita animação, item bastante conhecido

Funcionários da Unitour. Agência oferta pacote para o Mundial

da fanática torcida alvinegra. Lançando mão do marketing pesado em rádios, programas esportivos na TV e em jornais impressos, a empresa caprichou na divulgação dos pacotes também pelas redes sociais afim de atingir o público jovem, perfil alvo cobiçado pela Unitour. A procura se deu logo de imediato e a medida que o time ia alcançando resultados positivos também nos jogos do Campeonato Brasileiro, o interesse pelo destino oferecido aumentava gradativamente. Loucuras que valem a pena >> Os clientes que fecharam pacotes com a agência possui perfil e particularidades variadas, como é o

do torcedor que vendeu o próprio carro para custear a ida a Marrocos. Outro apaixonado e não menos fanático é o administrador de empresas, José Nepomuceno, 56 anos. Atleticano assíduo nos estádios, acompanhou todos os jogos da Libertadores, inclusive as partidas disputadas fora do Brasil. A paixão de Nepomuceno ficou evidente quando decidiu juntamente com a noiva, Daniele Souza, marcar a data do casamento para o dia 13 de dezembro de 2013. Segundo o administrador e sua noiva, o mês escolhido para o enlace só não foi 13 porque este não existe no calendário. A ousadia vai além da data, pois o casal viaja para a lua de mel logo em seguida, no dia 15 e o destino não poderia ser outro, Marrakesh. Juntar a comemoração de uma data tão especial na vida do dois, que se conhecem há 8 anos, merecia ter o clube do coração também presente e nada mais conveniente que a ida com outros torcedores fanáticos, além de estar presente nas duas partidas que o Galo poderá disputar. Se o Atlético vai se consagrar Campeão Mundial no final do ano, ninguém sabe. O certo é que tanto as agência de viagens como a torcida estão eufóricos e preparados para a festa, que promete contagiar o mundo e entrar para a história. É esperar para ver e sentir o que o atleticano sabe fazer de melhor e quando o assunto é torcer, vale a máxima que acompanhou o universo alvinegro neste ano tão especial: #EU ACREDITO.

Jô Amaral Jornalista (JP) Colunista Esportiva e Editora da coluna ‘Em Campo’ no JCE


Lançamento e show...

Fotos: Fernando Young / Caio Duran - AgNews e Divulgação

11

Caetano Veloso completa 46 anos de carreira e lança CD de inéditas Show foi realizado no Chevrollet Hall em BH-MG Caetano durante o show do CD Abraçaço

Jornalista (JP) Felipe José de Jesus

C

omo chegar aos 70 anos de idade com a vitalidade de um garoto de 20? Para muitos críticos musicais, Caetano Veloso, é prova viva de que a velhice é sinônimo apenas de mais maturidade. O cantor (eterno tropicalista) esteve no dia 7 de outubro, no Chevrollet Hall para o lançamento do seu mais novo disco - Abraçaço, que já é considerado um dos melhores álbuns em seus mais de 40 anos de carreira. Mais de 2 mil pessoas dançaram sob o som de Você é linda, Trem das cores, Saudosismo, Sozinho, Leãozinho, Tigresa, dentre algumas novidades do seu 48º disco. Caetano cantou ainda Gayana, Funk melódico e Abraçaço, que convida o ouvinte a se entregar a amizade e a solidariedade através do verdadeiro afago. De acordo com Caetano Veloso, o novo álbum foi produzido por profissionais de primeira, tanto que para ele, o resultado foi além do esperado. “O CD foi produzido por Moreno Veloso e Pedro Sá, e sua temática acabou por se revelar mais abrangente do que os meus planos iniciais. A batida do meu violão está presente na maior parte das músicas. É algo que remete a sonoridade dos meus primeiros discos na década de 1970”, afirma. Questionado sobre o que ele quer dizer quando fala “Ei! Hoje eu mando um abraçaço...”, na música de trabalho do novo CD, Veloso lembra que é a expressão é uma forma sutil de agradecer os amigos com quem conversa por vezes por e-mail. “Compus a canção quando a banda já estava gravando, já tinha

mais da metade gravada. Coloquei a letra em cima da base e pronto! Quanto à expressão abraçaço, geralmente a uso para finalizar alguns e-mails e a letra sugere, não só um abraço grande, mas um abraço espalhado, abrangente ou múltiplo”, comenta. Participações >> Além da faixa Abraçaço, Caetano lembra que o disco traz participações para lá de especiais. “A faixa - A Bossa Nova é foda, abre o CD. A canção passa pelo estilo de João Gilberto, e termina com Tom Zé, que sempre diz que o Brasil começou no ano de 1958”, relata. O cantor também comenta que o novo disco tem referências de álbuns anteriores, como, Livro, de 1998 e Estrangeiro, de 1989. “Às vezes fica difícil se distanciar de trabalhos já produzidos. Prova disso, pode ser visto na canção, Funk melódico, que é parente direto de Miami maculelê, um funk carioca que compus para o

disco Recanto, da Gal Costa. Ele lembra que filmes e alguns períodos de sua vida estiveram presentes nas composições do disco. “A música O império da lei foi feita depois que assisti “Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios”, filme de Beto Brant e Renato Ciasca, baseado no livro de Marçal Aquino”. Fãs reverenciam >> Para a publicitária Ana Dias, Caetano está em sua melhor forma. “É difícil ver um cantor com mais de 40 anos de carreira ainda com este pique todo. O CD Abraçaço em minha opinião, simboliza as pazes de do compositor com o real MPB, aquele dos discos, Transa e Outras Palavras. Seus dois discos anteriores não me agradaram muito, mas como ele é um mestre da composição, Abraçaço vem para mostrar que ele é mais criativo do que eu imaginava”, salienta. Outras informações sobre o novo disco e a turnê de Caetano Veloso pelo: www.caetanoveloso.com.br.

Assine a ‘Revista Correio Eletrônico’ Uma publicação mineira de cultura, lazer, xadrez, fotografia, eventos, finanças-economia e turismo.

Peça já a sua pelo: agenciadecomunicacaocorreio @gmai.com

Ou pelos telefones: (031) 8561-5255 (031) 8570-7347

Receba a revista em sua residência e ganhe também a

Apenas: R$ 50 por ano


Divulgação

O jornalismo se modificou, as máquinas de escrever foram trocadas pela tecnologia. Os computadores e a Internet, hoje reinam no século 21. Porém, algo ainda continua o mesmo: jornalismo sério com profissionalismo e credibilidade, poucos conseguem oferecer para os leitores. (Felipe José de Jesus)

Revista

Conheça também o site do jornal: www.jornalcorreioeletronico.com.br E-mail: jornalcorreioeletronico@gmail.com

Revista Correio Eletrônico 17ª Edição (outubro e novembro de 2013)  

Publicação de entretenimento: Cultura, Xadrez. Fotografia, Coberturas JCE, Saúde e Vida, Literatura RCE, Economia e Finanças, Política, Coop...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you