Page 1

O cantor ‘Alexandre Pires’ realizou mais um sonho em

J

sua carreira, juntar-se novamente as origens do ‘Só Pra Contrariar’. A casa de shows ‘Chevrolet Hall’ em Belo Horizonte, recebeu o grupo no dia 10 de agosto de 2013. Com muita animação, o SPC relembrou canções que fizeram história na vida de muitos fãs. Confira a cobertura especial da jornalista - Karine Alonso.

unho e julho de 2013 foram agitados para alguns lojistas de Belo Horizonte por causa das manifestações. Os danos causados aos comerciantes chegaram à R$40 mil e além dos prejuízos, as vendas caíram 1,85% em junho segundo a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL). Veja a entrevista especial com Bruno Falci, presidente da CDL/BH.

Leia na página 10

Leia na página 5

Muito profissionalismo, amor e paixão pela música. Estes são alguns dos ingredientes que compõe a banda mineira Radiolaria, grupo que lançou seu primeiro CD - intitulado por Vermelho, no dia 17 de agosto no Studio Bar, em Belo Horizonte. O grupo vem se destacando pelo cuidado com os vocais e cordas. Confira a entrevista dos jornalistas: Frederico Gazel e Felipe José de Jesus com o grupo.

Leia na página 6 Edição 16 - ANO 4 - Agosto e Setembro de 2013 -

R$ 1,00

Publicação da Agência de Comunicação e Publicidade Correio Eletrônico (ACPCE) www.jornalcorreioeletronico.com.br Todos os Direitos reservados

Revista

Foto: CD, '#AC' (Divulgação/Leo Aversa)

Novo CD

Leia mais:

Página 9

A

na Carolina, uma das maiores cantoras de MPB, volta ao cenário musical com seu mais novo disco '#AC' . Confira a matéria especial do JCE sobre o CD, a participação do cantor Chico Buarque e a turnê de

Divulgação

de novo ‘CD’ no Palácio das Artes

O

cantor mineiro esteve presente no dia 27 de julho de 2013, no Palácio das Artes e embalou os fãs com antigos e os sucessos de seu novo CD. Confira a matéria especial de cobertura do show dos jornalistas - Felipe de Jesus e Frederico Gazel.

Página 6

Após três anos, ‘Paramore’

Paula Fernandes lança

volta aos palcos de Minas Gerais com nova turnê

‘EP’ e prepara novo ‘DVD Ao Vivo’ para os fãs Sou BH

Flávio Venturini faz show surpresa

Página 8

Site oficial PF

2013.

P

aula Fernandes, uma das cantoras mais aclamadas e queridas do ‘sertanejo universitário’, lançou recentemente o EP, ‘Um Ser Amor’. O formato tem quatro músicas e além da faixa título, traz as canções: Apenas Flor, Céu Vermelho e Além da Vida. O álbum faz parte de sua discografia que conta com sete discos de estúdio e um DVD Ao Vivo, que vendeu 1,7 milhões de cópias em todo o Brasil em 2012. Confira a matéria especial dos jornalistas, Felipe José de Jesus e Karine Alonso.

Página 8


Revista

Editorial

2

Felipe de Jesus

Agora tem médicos, mas e a falta de estrutura como fica?

O

Programa ‘Mais Médicos’ do Governo Federal, tem como objetivo levar médicos estrangeiros para atender comunidades que estão carentes de profissionais da saúde. Há duas semanas, começaram a desembarcar no Brasil, diversos estrangeiros, entre eles argentinos e cubanos. No entanto, recentemente o programa jornalístico, ‘Profissão Repórter’, da Rede Globo, mostrou aos telespectadores brasileiros algo pouco mencionado pelo Ministério da Saúde e também pelo próprio ministro da Saúde - Alexandre Padilha: a falta de estrutura. Os diversos locais mencionados e pelo jornalista, Caco Barcellos e sua equipe, de estudantes de jornalismo, mostraram médicos brasileiros que além da função de sua especialidade, realizam outros atendimentos. O problema é que estes atendimentos extras não são remunerados e nem reconhecidos pelos gestores destes hospitais. Tudo bem, agora com o ‘Mais Médicos’, vão contratar profissionais para cobrir estas vagas, mas será que vão dar também mais estrutura? Essa é uma pergunta que paira na cabeça dos diversos profissionais brasileiros, pois há muito tempo eles reclamam da falta de ferramentas adequadas para o bom desempenho da profissão. O Brasil está de portas abertas para que mais estrangeiros entrem no país, validem seus diplomas universitários e atendam os milhões de brasileiros que sofrem com o sistema ‘falho’ de saúde. No entanto, tomara que eles aceitem entrar por estas ‘portas da saúde’ que há muitos anos estão doentes pela falta de estrutura.

Fala leitor.. Este espaço é para os leitores da ‘Revista Correio Eletrônico’ deixarem seus comentários sobre as nossas matérias, artigos e capa preferida . Participe, o seu comentário pode sair na próxima edição!

Felipe de Jesus Editor Geral E-mail: jornalcorreioeletronico@gmail.com

Presidente /Jornalista e Publicitário Responsável Felipe José de Jesus Jornalista (JP) - (FENAJ:15.263-MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Publicitário - (APPB:3040- RP/SP) - (Associação dos Profissionais de Propaganda do Brasil - RP-SP) Editor Geral do JCE: Diretor de Redação / Editor de Economia e Finanças e Entretenimento Pós graduado (Lato Sensu) em Administração e Marketing Mestrando em Comunicação Social: Especialização em Jornalismo e Ciências da Informação

Conselho Editorial RCE - Jornalistas (JP) Karine Alonso Jornalista (JP) - (FENAJ:16.315.MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Diretora / Editora de Esportes e Fotografia (Imagem em Pauta) Pós graduando em Jornalismo Esportivo Frederico Gazel Jornalista (JP) (FENAJ:15.423-MG - SJPMG) - (Federação Nacional dos Jornalistas - Brasília) Diretor / Editor de Xadrez - (Xadrez) Mestre FIDE (Mestre da Federação Internacional de Xadrez)

Parceiros/ Colunistas Jô Amaral - (Jornalista - JP) Reg. Prof.12.127-MG - (Coluna: Em Campo) Fernando Roger- (Marketing JCE) - (Coluna: Cinema em Pauta) Colaborou nesta edição: Jornalista: Liza Pontes (SP)

Comercial JCE (Marketing - Publicidade) Felipe de Jesus - Jornalista (JP) e Publicitário (P) Fernando Roger - Marketing (MK- JCE) Karine Alonso - Jornalista (JP)

Distribuição da Revista e Diagramação Jornalista (JP) e Publicitário: Felipe de Jesus

Fotografia: Equipe da RCE e Divulgação Assinatura da revista e anúncio (Anuncie na revista e ganhe sua publicidade no site do JCE) agenciadecomunicacaocorreio@gmail.com e jornalcorreioeletronico@gmail.com

Site do Jornal Correio Eletrônico www.jornalcorreioeletronico.com.br

Facebook - Jornal e Revista Correio Eletrônico https://www.facebook.com/jornal.eletronico Impressão: Gráfica IMAGE - Artes Gráficas - Belo Horizonte - Minas Gerais Uma publicação da Agência de Comunicação e Publicidade (ACP Correio Eletrônico) Contatos: OI (031) 8561 - 5255 - OI:8570-7347 (BH-MG) e CLARO: (031) 8254 - 5811

CNPJ: 17.169.522/000117.169.522/0001-14 - MEI (ATIVO) Todos os Direitos Reservados - 2012

E

sta revista ficou show. Gosto muito de música e o cenário independente me chama muito atenção, por que os discos produzidos hoje por estas bandas, estão mais arrojados do que de muitos cantores e bandas brasileiras de alto porte. Não conheço as bandas, mas achei de extremo bom gosto as fotografias e também as histórias de cada uma delas. Não sei se é um especial da Revista Correio Eletrônico, mas se for, vocês devem repetir, por que outras bandas devem ter a oportunidade de mostrar seus trabalhos. Além da matéria com as bandas, rendo meus cumprimentos aos demais jornalistas da área de Xadrez, Economia e também da área de fotografia. Um abraço para todos e continuo esperando novidades em meu e-mail, ou mesmo pelas Redes Sociais.

Marco Lima de Souza - Turismólogo, Pós graduado em Mídias Sociais

FilieFilie-se e adquira a carteira de associado - Contato BH: (031) 82548254-5811


Xadrez...

Fotos: Divulgação do evento em PS

Porto seguro realiza o 7º torneio de xadrez ‘Costa do Descobrimento’ Em dois dias, evento contou com desafio simultâneo, palestras sobre o esporte além do tradicional torneio

Frederico Gazel (Mestre FIDE / Palestrante) “Acredito ter dado um pontapé inicial para grandes realizações do gênero na cidade”

Jornalista (JP)

Felipe José de Jesus

A

conteceu nos dias 2 e 3 de Agosto, o 7º torneio de xadrez Costa do Descobrimento, no Shopping do Mar, na Passarela do Álcool, em Porto Seguro. No local, os aficionados enxadristas puderam aprender e aperfeiçoar as técnicas de xadrez pelo Mestre da Federação Internacional de Xadrez (FIDE), e Campeão Mineiro, Frederico Gazel. O evento que teve a realização do restaurante “Canto Italiano” e do “Clube de Xadrez de Porto Seguro” trouxe o jovem enxadrista que realizou palestras, simultânea (todos desafiando o Mestre) e ainda participou do torneio. No primeiro dia, na noite de sexta-feira, o Mestre deu dicas sobre técnicas avançadas de empate no jogo, e ilustrou os exemplos com slides e

posições diversas. No sábado, as atividades começaram cedo com uma nova palestra, sobre como proceder no inicio da partida e as principais dicas de aberturas no xadrez. Para o estudante de ciências biológicas e também instrutor de xadrez, Caico, de 23 anos, as atividades foram de grande importância não só na parte técnica, mas também para o crescimento de novas ações em Porto Seguro e região. “Eventos como este ajudam na divulgação do xadrez e estimulam o interesse e a participação de cada vez mais pessoas para sua prática. O evento aqui no extremo sul da Bahia, onde o xadrez está começando a crescer com atividades mais regulares, contando com a presença de um Mestre FIDE ofertando palestra, simultânea e a própria participação no torneio, enriquece as ações desenvolvidas dos clubes e estimula a melhoria do jogo do grupo de enxadristas da região” relata. Além das palestras, os enxa-

dristas tiveram a oportunidade de medir forças no 7º torneio da Costa do Descobrimento. A premiação foi distribuída em dinheiro jogos de xadrez e ainda assim os competidores ganharam um certificado de participação tanto para os que assistiram a palestra, bem como os participantes do torneio. O campeão da prova foi o Mestre Frederico Gazel, seguido por Caico Amaral e Bruno Jacomi. De Minas para Bahia >> A ideia de vir para Porto Seguro, segundo Frederico, partiu do convite do organizador Feddy Halabi que foi a Belo Horizonte em um campeonato de xadrez. “Conheci Feddy na minha cidade. Ele disse que queria movimentar o xadrez em Porto Seguro e que havia fundado o clube com a ajuda alguns parceiros. Desde então, estivemos planejando este evento e acredito ter dado um pontapé inicial para grandes realizações do gênero na cidade”, avaliou.

3


4

Cinema em Pauta Papa João XXIII O desafiante contra o Mestre Frederico Gazel

Feddy, que também é o responsável pelo Clube de Xadrez de Porto Seguro, diz ter ficado muito contente com os resultados e pelo prestígio dos atletas da região. “É muito bom ver que o trabalho deu certo. Ver que as pessoas aproveitaram a oportunidade vindo até mesmo de outras cidades vizinhas. Tivemos pessoas na palestra que vieram de Teixeira de Freitas, a 223 KM daqui mostrando que pra quem gosta de xadrez, não há limites” ressaltou. O organizador ainda conta que até o final do ano outras atividades já estão sendo pensadas. “Estamos com planos de trazer o mestre outra vez, proporcionando um novo intercambio entre os enxadristas e um profissional do esporte, com isso, evoluir o jogo de nossos enxadristas por aqui e quem sabe, fazermos uma competição nos padrões da Federação Internacional”, apontou.

Turismo aliado ao xadrez >> Certamente, a cidade do litoral da Bahia é um alento para os enxadristas: disputar uma competição, com tranquilidade, aliado a uma paisagem encantadora. Esta é uma das apostas da prefeitura do município. Segundo Simone Folch, monitora de esportes que representou a Prefeitura de Porto Seguro, estas atividades trazem muitos benefícios para a região. “O xadrez, assim como os demais esportes trouxe para nossa cidade um despertar que inova a conscientização. Nós precisamos adotar um compromisso sério com o futuro dos esportistas que poderão vir a praticar o xadrez e com isso, mostrar que Porto Seguro pode crescer muito também nesta modalidade. Pensamos também no turismo em nossa cidade, que atrai pessoas de diversos lugares e temos infraestrutura para receber bem a todos”, concluiu.

O Mestre FIDE na simultânea de partidas

Gazel em uma disputa no 7º torneio da Costa do Descobrimento

Título original: II Papa Buono Ano: 2003 Gênero: História/ Documentário/ Religioso

O

ano de 2013 foi muito importante para os católicos brasileiros. Tivemos a primeira visita do Papa Francisco na Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que reúne anualmente milhares de jovens para propagar, celebrar e aprender sobre a fé católica. Mas vendo o Papa Francisco fazer a suas orações, pregações e atitudes, não dá para não comparar com o Papa João XXIII, que teve um legado curto de 5 anos como Papa, mas mostrou muitos ideais e parecidos com o do atual Papa Francisco. O filme - Papa João XXIII, conta a vida, escolhas e a curta trajetória do Papa e seus grandes feitos nesses anos como servo de Deus. O longa começa com seu amigo, Cardial Mattia Carcano (Carlo Cecchi), redigindo uma carta para o Papa Joaõ XXII (Bob Hoskins) que se encontrava próximo ao seu leito de morte no Vaticano. Nessa carta, arrependido por ter traído-lhe, Mattia começa a escrever a vida do Papa e todos os seus feitos, lembrando alguns momentos interessantes, como, o seu nome, que antes de ser João XXIII, era Ângelo Giussepe Roncalli e que quando se formou padre, resolveu retornar para sua cidade natal para ajudar os pobres e necessitados. Um dos grandes feitos do Papa João XXIII, foi contra o governo alemão. Ele retirou de um navio mais de 600 crianças que estavam sendo levadas para o trafico na Europa devido a sua influencia com algumas pessoas do governo italiano. Após ter virado Papa, ele também ajudou a impedir uma guerra nuclear depois de ter feito uma aclamação as nações que estavam em guerra. Mas, ao longo de sua trajetória, teve outros feitos também e ficou conhecido como o “Papa Bom” ou Papa da bondade, devida a sua aproximação com as pessoas e suas palavras de conforto. Divulgação

Simone Folc, Frederico Gazel e Feddy Halabi na cerimônia de premiação

Analise do filme: Esse filme vai mostrar exatamente por que milhares de pessoas fizeram questão de acompanhar o seu leito de morte. No meu ponto de vista, o Papa Francisco e o Papa João XXIII, têm muito a ver pela aproximação com o povo, sua humildade e muitos outros aspectos. Ao assistirem o filme, os espectadores poderão tirar suas próprias conclusões. No caso do Papa Francisco, que esteve no Brasil recentemente, sua luta e humildade vem se destacando, principalmente pela tentativa de aproximar os jovens a Deus. Por este motivo, que seja bendita a sua caminhada entre nós.

Colunista: Fernando Roger Editor da coluna: Jornalista (JP): Felipe de Jesus FENAJ:15.263FENAJ:15.263-MG (SJPMG)


Economia e Finanças...

Foto: Assessoria - CDL/BH

Jornalista (JP)

Manifestações dão

Felipe José de Jesus

prejuízos de R$40 mil a lojistas e vendas caem 1,85%

O

$

$

$

Bruno Falci:

$

“A prorrogação dos impostos poderá ajudar os lojistas lesados durante as manifestações em Belo Horizonte”

empresas lesadas todo o seu corpo jurídico e institucional na busca de soluções, fora o pedido de isenção e/ou prorrogação de impostos junto aos governos que poderá ajudar”, comenta. Queda acentuada >> Além dos danos materiais e financeiros, os comerciantes lesados estão amargando também a queda das vendas que somente de maio a junho de 2013, chegaram a 1,85%. Falci explica que este resultado veio por causa da soma inflação versus manifestações. “O aumento dos preços tem levado os consumidores à cautela quanto às suas despesas, evitando acumular muitos gastos e, como consequência, diminuindo o consumo", comenta. Para Falci, apesar do típico incremento nas vendas em função do Dia dos Namorados em junho, o aumento do nível de preços contribuiu neste cenário. “Com o aumento da inflação, a capacidade de compra fica comprometida, em função do encarecimento geral dos bens e serviços. Assim os consumidores reduzem seu nível de consumo, impactando negativamente nas vendas. Além disto, muitos comerciantes fecharam as portas por causa dos danos, o que colaborou para redução das vendas”, conclui.

s meses de junho e julho de 2013 foram agitados para alguns lojistas de Belo Horizonte. Todavia, este movimento não foi de crescimento nas vendas, mas de prejuízos por causa das manifestações na Capital. De acordo com pesquisa realizada pela Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL-BH), com 36 comerciantes da Avenida Antônio Carlos, os danos chegaram à casa dos R$40 mil para cada lojista. Além dos prejuízos, as vendas consequentemente caíram 1,85% em junho segundo a CDL. No dia 10 de julho, a CDL conseguiu a prorrogação de taxas e impostos junto aos governos - Municipal e Estadual para ajudar os comerciantes da Antônio Carlos. Em entrevista Bruno Falci, presidente da CDL/BH, diz que a medida decretada vai ajudar. “A CDL/BH apóia as manifestações de forma pacífica e civilizada, mas repudiamos a depredação do patrimônio público ou privado. Por este motivo, as empresas lesadas que tem o ICMS a recolher relativo aos meses de junho, julho e agosto de 2013, com vencimento fixado a partir da publicação do Decreto, poderão ter o vencimento no terceiro mês subsequente à ocorrência do fato. O imposto de junho poderá ser recolhido em setembro, o de julho em outubro e adiante. Isto poderá fazer com que este comerciante consiga voltar aos trilhos”. Perguntado sobre quais foram os maiores danos causados nas lojas, Falci afirma que alguns pontos chamaram a atenção. “Os estragos foram, depredação da fachada que representou (45,71%), saque de lojas (20%), depredação interna (20%), incêndio (8,57%) e os demais prejuízos nos comércios (5,71%), infelizmente”, salienta. Questionado sobre o que os lojistas sem condições financeiras de pagar estes impostos, mesmo com a medida da CDL, poderão fazer, Falci diz que a única saída por enquanto é a prorrogação dos impostos. “Desde o início do vandalismo ocorrido nas manifestações, ó órgão vem atuando em prol dos comerciantes prejudicados. Estamos colocando também à disposição das

5


Foto: Divulgação

Entrevista JCE...

6

Flávio Venturini faz show surpresa de novo ‘CD’ no Palácio das Artes Jornalistas (JP) Felipe José de Jesus e Frederico Gazel “Esta apresentação é uma mostra do meu novo disco, que se chama ‘Venturini’ e que estará pronto em setembro de 2013”. Assim, Flávio Venturini, exvocalista dos grupos, O Terço e 14 Bis, surpreendeu as mais de 1 mil pessoas que estiveram presentes no dia 27 de julho no Palácio das Artes e que não sabiam que o show seria de pré-lançamento de seu novo CD. Durante sua apresentação, além de tocar as novas canções, Venturini embalou os fãs com antigos hits, como, Todo Azul do Mar, Noites Com Sol, Canção De Acordar, Céu de Santo Amaro e Mais Uma Vez, composição feita em parceria com Renato Russo. Durante a apresentação, Venturini disse ao público que estava com saudades das turnês. “Já estava na hora de voltar para a estrada, voltar aos palcos brasileiros, isso faz parte da carreira de todo cantor. Por isso, para fazer diferente, decidi retornar aos palcos, mas com a apresentação das músicas do meu novo álbum. A escolha do nome do disco, Venturini, remete a novos rumos musicais, novas aventu-

ras e isso é o que me empolga a voltar aos palcos brasileiros”, comentou. Parcerias >> Venturini ainda comentou que as canções do seu 14° disco, foram feitas com parcerias para lá de especiais. “Um bom álbum é feito geralmente com tempo, e também com grandes parceiros. A canção, Enquanto Você Não Vem, é com os parceiros, André Mehmari e Murilo Antunes, e Sol Interior, minha e do Márcio Borges. Fora esta, tem uma homenagem minha a cantora Edith Piaf, com a canção Hino Ao Amor. Parte do CD foi gravada aqui em Minas, já o restante do álbum foi gravado no Rio de Janeiro com a produção do meu amigo, Torquato Mariano”, completou. Disco aprovado >> A fã, Daniela Mendes que esteve no show, disse que as canções do novo disco têm uma pegada mais Rock, mas mesmo assim ela aprovou. “Estou acostumada com o estilo do Flávio mais calminho, como, nas músicas, Noites Com Sol e outras. No entanto, eu curti as canções do novo disco, por que parece um pouco com os discos do 14 Bis. Pena que o novo CD só sai daqui há dois meses. O Flávio é um músico surpreendente”.Outras informações sobre a agenda e discografia do cantor pelo: www.flavioventurini.com.br/oficial.

Banda ‘Radiolaria’ lança seu primeiro Foto da banda: Hugo Cordeiro - CD: Divulgação

disco no ‘Studio Bar’ em Belo Horizonte Jornalistas (JP)

Felipe José de Jesus e Frederico Gazel

M

uito profissionalismo, amor e paixão pela música. Estes são alguns dos ingredientes que compõe a banda mineira - Radiolaria, grupo que lançou seu primeiro CD intitulado por Vermelho, no dia 17 de agosto no Studio Bar, em Belo Horizonte. O grupo que é formado por Felipe Xavier (voz e violão), Felipe Barros (voz, guitarra e violão), e Tito Campos (voz, guitarra e violão) vem se destacando no cenário musical, pelo cuidado com os arranjos musicais, vocais e cordas, mesclando violões, guitarras, viola caipira e também bandolim. Em entrevista a reportagem do ‘Jornal Correio Eletrônico’, Felipe Xavier (vocal) fala sobre a criação do nome do grupo – Radiolaria e, além disso, descreve sobre o processo de produção do CD - Vermelho. “A idéia do nome foi do Tito Campos, que brincando de unir palavras, enquanto procurava um nome, chegou à palavra

Radiolaria, que na verdade é o nome de um tipo de protozoário, (algo que só viemos, a saber, bem depois). Em relação ao disco, Vermelho é o primeiro CD da banda. O processo de produção se deu de maneira independente e foi comandado pelos músicos e produtores mineiros: Thiago Correa e Henrique Matheus. As canções foram gravadas no estúdio dos produtores ao longo do ano de 2011, e finalizadas (mixagem e masterização) em 2012”, relata. Questionado sobre quais

podem ser os destaques do álbum na opinião da banda, Xavier diz que cinco canções são bem interessantes. “A primeira música, Pedaço de Papel, possui refrão forte e elementos presentes ao longo do disco, e sintetiza bem o trabalho como um todo. Demais dela, tem a Devaneio, o Tango, Uma História Dois Caminhos, e As Palavras. Mas todas as canções em minha opinião têm sua identidade e sua importância no conjunto do álbum”, conclui.

Site oficial: www.radiolaria.com.br


Fotos gentilmente cedidas a Revista Correio: Arquivo Pessoal e Gabriel Castro

Atlético Mineiro:

S

Donos da América Jornalista (JP)

Um breve relato em fotos da conquista da Libertadores 2013

Karine Alonso

O

Atlético Mineiro conquistou em 2013 o tão sonhado e esperado título: Campeão da Libertadores. Donos da América, elenco forte e torcida realizada, realmente o ‘Dois mil e Galo’ ficará para sempre na memória dos alvinegros. Textos, narrações, comentários e claro, a fotografia são elementos fundamentais para eternizar este momento único na história do GALO. O fotógrafo esportivo Gabriel Castro relatou toda a trajetória do Atlético na Libertadores da América em jogos em Belo Horizonte. Ao total foram sete jogos, seis no Independência e um no Mineirão. Declarado atleticano, o fotógrafo acompanha profissionalmente o time desde 2011 e acredita que há possibilidades de unir a paixão e a profissão “Antes de existir um fotógrafo, existe um torcedor. No caso de um jogo do Galo, dá pra transformar o ímpeto pessoal de torcedor, em trabalho. Cobrindo um jogo do Atlético vou tentar fazer com que minha emoção seja transmitida através das imagens”, afirma. Uma torcida apaixonada e acima de tudo, fiel. O preto e o branco tomaram as ruas de Belo Horizonte por um longo período. Gritos de “É Campeão”tornaram-se bom diaentre os mais fiéis. E foi esse amor incondicional que o GALO levantou o caneco e o lema #euacredito serviu como peça chave para a conquista. Em entrevista exclusiva para a ‘Revista Correio Eletrônico’, Gabriel Castro conta toda a emoção

vivida na Libertadores 2013. “Um privilégio! Foi inesquecível estar dentro de campo trabalhando e imaginar que através da fotografia, estava registrando e contando da minha forma, através da minha paixão pelo Galo, um pouco do período mais glorioso do meu clube de coração. Por outro lado, meu sonho era estar na arquibancada ou até mesmo de frente para a TV assistindo ao jogo com minha família, minha namorada, meus amigos, meus semelhantes atleticanos. Poder terminar o jogo e comemorar, me esgoelar de tanto gritar, abraçar e ser abraçado por outros sofridos atleticanos que acreditaram a vida inteira que o grande dia chegaria”, comenta. De acordo com Gabriel, ele custou para acreditar no título da Libertadores. “Demorei pelo menos umas três semanas pra entender que fomos campeões do maior torneio de clubes da América. Como se eu não tivesse estado em campo, ainda hoje me emociono ao lembrar, ouvir as narrações e ver as comemorações dos torcedores. Não ter vivido aqueles momentos por estar em campo a trabalho me esforçando pelas melhores fotos para contar um pouco de história, teve um preço”, conclui. Trabalhos >> Atualmente ele trabalha acompanhando o Atlético Mineiro e como fotógrafo de produtos no setor empresarial. Para quem deseja conhecer um pouco mais do trabalho do fotógrafo, basta acessar o site: http:// www.gabrielcastro.net

Gabriel Castro: “Demorei pelo menos umas três semanas pra entender que fomos campeões do maior torneio de clubes da América”

7


Novo trabalho...

Fotos: CD e Paula Fernandes - Site Oficial / PF

8

Paula Fernandes lança ‘EP’ e prepara seu novo DVD Jornalistas (JP)

Felipe José de Jesus e Karine Alonso

P

Sou BH

aula Fernandes, uma das cantoras mais aclamadas do sertanejo universitário, lançou recentemente o seu mais novo trabalho, o EP, ‘Um Ser Amor’. O formato tem somente quatro músicas e além da faixa título, traz as canções: Apenas Flor, Céu Vermelho e Além da Vida. O álbum faz parte de sua discografia que conta com sete discos de estúdio e um DVD ao vivo, que vendeu 1,7 milhões de cópias em todo o Brasil em 2012. De acordo com Fernandes, o repertório de seu novo EP foi praticamente escolhido pelos seus fãs. “Antes de gravar este novo trabalho, nós divulgamos estas músicas para o público ouvir, para ver o que eles achariam. Pouco tempo depois, consegui perceber que meus fãs se identificaram bastante com elas, o que eu achei maravilhoso. A nossa intenção na realidade, foi a de montar esse novo trabalho com músicas já queridas pelos meus fãs. Sem contar que eu particularmente gosto muito destas composições que estão no disco”, comenta. Questionada sobre a opção de

gravar um EP e não um álbum com mais músicas inéditas, Fernandes lembra que vários cantores, como exemplo, Roberto Carlos e Luan Santana, estão optando por este tipo de formato. “O disco foi um presente para O Dia dos Namorados deste ano. É um álbum mais simples e pode ser vendido por um preço mais abrangente para os fãs. Porém, isto não quer dizer que eu não vá trazer um novo disco para meus seguidores, vou sim, pois tenho diversas músicas já gravadas e prontas para serem colocadas em um novo disco. Este formato é mais simples e suas músicas podem ser adquiridas separadamente também pela internet. Outros cantores estão optando por este formato também”, diz. Na novela >> A faixa título do EP, Um Ser Amor, já teve mais de 300 mil visualizações no YouTube e embala o casal protagonista da novela Amor à Vida, da Rede Globo. Para Fernandes, ter a música no folhetim das 21h foi um presente. “A música é tocante mesmo. Ela tem o violão que sempre uso em minhas canções, mas mesclada com um arranjo mais Pop. Acredito que os casais apaixonados devem ter se identificado demais com ela. Para mim foi um presente, pois a canção é profunda e se encaixou perfeitamente na proposta da novela para o casal”, relata. Fernandes lembra que além deste EP, ela já está trabalhando em um novo projeto “No dia 9 de junho deste ano,

gravamos o meu segundo DVD, na Arena HSBC, no Rio de Janeiro. O show contou com as participações especiais de Roberta Miranda e Zezé Di Camargo & Luciano, cantores que eu admiro demais. Um DVD especial para mim e que com certeza o público vai gostar”, conclui a cantora.

Após três anos, ‘Paramore’ volta aos palcos de Minas com sua nova turnê O novo disco do grupo atingiu o topo da Billboard 200 e já vendeu mais de 100 mil cópias só no Brasil

Hayley Willians: “Esta é a segunda vez que tocamos em Belo Horizonte e a terceira no Brasil “

Jornalistas (JP) Liza Pontes e Felipe José de Jesus

P

ara as pessoas que acham que o Rock morreu, a banda norte- americana ‘Paramore’ confirmou que ele está mais vivo do que nunca. Prova disso, é que o grupo apresentou no dia 26 de julho na Arena Expominas em Belo Horizonte, o seu mais novo show, ‘Paramore Tour Brazil’, trazendo para o público, sucessos dos seus últimos quatro dis-

cos Hayley Williams (vocal), Jeremy Davis (baixo) e Taylor York (guitarra) tocaram algumas das canções mais queridas dos fãs, como Misery Business, Decode, The Only Exception, Ignorance, That’s what you get e Ain’t it fun do recente álbum - Paramore - lançado em abril de 2013. A turnê brasileira já passou por São Paulo nos dias 30 e 31 de julho, em Curitiba, no dia 2 de agosto e em Porto Alegre no dia 4 de agosto. Hayley, que tem apenas 1,57m, preencheu todo o palco com suas danças e saltos e animou os fãs. Além disto, a cantora comentou a respeito da passagem do grupo por BH no Chevrollet Hall e disse estar feliz em retornar a cidade.

“Quantos de vocês vieram no show há três anos? Quantos de vocês compraram nosso mais novo disco - Paramore? O CD está bem bacana não é mesmo, com ótimas músicas, não é mesmo? A gente só está aqui por que vocês estão comprando nossos CDs”, brincou a vocalista com os fãs. Aniversário >> A noite ainda teve um gostinho mais especial, porque na data estava sendo comemorado os 8 anos de lançamento do primeiro disco da banda, All We Know Is Falling, de 2005. Ela agradeceu a presença dos fãs e fez questão de lembrá-los o quanto eles são importantes. “Quantos de vocês estão aqui pela primeira vez? Sejam bem vindos à família Paramore. Hoje comemoramos os 8 anos de nosso primeiro disco”. Quase no final do show ela aproveitou para criar brincadeiras para interagir ainda mais com o público. Seis fãs sortudos tiveram a oportunidade de subir ao palco, cantar junto com a banda, tirar fotos, filmar, e o melhor, ganhar um abraço caloroso dos integrantes. Mais informações >> Outras informações sobre o grupo, a discografia, fotos, vídeos e outros pelo site oficial: www.paramore.com.br . Confira!


Mais POP ainda... Após quatro anos, Ana Carolina lança seu novo disco ‘#AC’ < MATÉRIA DE CAPA >

Fotos: CD e Ana Carolina: Divulgação/Leo Aversa

CD traz o conhecido romantismo da cantora que completou 14 anos de carreira

Jornalistas (JP)

Felipe José de Jesus e Karine Alonso

S

uas canções ficaram conhecidas em novelas brasileiras e com certeza, marcaram a vida de muitos casais. Esta é a cantora e compositora Ana Carolina, que completou 14 anos de carreira levando em sua bagagem musical, dois DVD´S Ao Vivo e mais 5 CD´s, sendo o último gravado no ano de 2009. Todavia, para a alegria dos fãs, Ana voltou ao cenário musical em 2013, com uma novidade, o disco - #AC (hasteg AC), seu sexto CD. O álbum que foi lançado em junho desse ano já tem dois hits nas rádios nacionais, a canção, Combustível, que está na novela - Amor À Vida e Luz Acesa, da novela Flor do Caribe, da Rede Globo. Além desta, outro destaque é a canção "Resposta A Rita", letra em que Ana divide os vocais com o cantor e compositor - Chico Buarque. De acordo com Ana Carolina que deu

algumas entrevistas a imprensa nacional sobre seu novo disco, o nome, hasteg #AC, foi inspirado em sua conexão diária na web, nas redes sociais. “A ideia do #AC foi criar um disco para todo mundo, pois eu fico conectada de 12 a 14 horas por dia e essas coisas iriam refletir no meu trabalho um dia. Hoje tenho mais de 45 mil seguidores no Twitter, no Facebook mais de dois milhões, já no Instagram são cerca de dez mil, por isso fica difícil ficar longe da web”, diz.

9

Letras sensuais >> Carolina afirma também que o disco traz letras sensuais. “Músicas como ‘Bang Bang 2’ e ‘Pole Dance’ têm letras muito sensuais. Fiz elas por que eu gosto de mexer com os outros. Acho que as pessoas ficam mexidas com isso. Dá aquela balançada. Porque isso às vezes não é tão normal. Sei lá, eu gosto, me sinto à vontade de fazer, feliz. Acho a minha cara. No entanto, eu lembro que a dançarina da música Pole Dance é inventada. Ela é bamba para caramba. Garota de programa, mas

cuida dos filhos com atenção”, completa. Mesmo antes de chegar as lojas no formato físico, #AC foi divulgado gratuitamente no ITunes. Para Carolina isso foi bom, pois o disco conseguiu se destacar na internet. “As vendas no iTunes são bastante expressivas dentro da realidade desse segmento do mercado. O ‘#AC’ esteve durante um bom tempo no primeiro lugar de vendas e teve uma posição de destaque no ranking dos Top Álbuns, o que é ótimo”, comenta. Parcerias de peso >> O novo disco de Ana traz algumas boas parcerias, como, Guinga, Chiara Civelo, Edu Krieger e Chico Buarque, cantor ao qual Carolina esteve em um estúdio fechado para gravar ‘A Resposta A Rita’, canção que dá uma resposta a música ‘A Rita’, gravada em 1966.

Ana e Chico no estúdio gravando ‘Resposta A Rita’

Para Carolina, seu novo disco é mais Pop em relação aos anteriores, prova disso pode ser visto na canção Pole Dance. “O meu disco anterior, N9ve, é mais enérgico, com canções um pouquinho mais complicadinhas. Já, #AC é um disco mais pop. Prova disso pode ser visto na canção Pole Dance. Como o disco não tem bateria, o elemento orgânico que nos restou foi a percussão. A parte rítmica foi a primeira a ser feita. Depois de voz e ritmo, colocamos os arranjos. Tem essa coisa quente mesmo e o abraço do pop, com força total. Estava com saudades de fazer canções para as pessoas assobiarem”, completa a cantora.

Para a cantora, ela é sensacional. “A faixa é o grito de uma mulher que ficou calada por mais de 50 anos. Foi muito legal o Chico ter participado e ter dado o aval para essa letra. Além disto, já fiz um registro do que seria o making off da música com o Chico. Filmei ele cantando comigo, mas quero fazer um tratamento melhor para não ser tão making off, mas sim um videoclipe mesmo. Desses encontros musicais, o fundamental não é somente o produto gerado, mas a parceria, a troca musical mesmo”, conclui a cantora. Outras informações sobre #AC, fotos e a agenda de shows da cantora pelo site oficial: www.anacarolina.com.br. Confira!

U m


Cobertura JCE...

Fotos gentilmente cedidas a RCE: Karine Alonso e Daniel Stone

10

‘Só Pra Contrariar’ completa 25 anos de carreira e faz show especial em BH O grupo fez apresentação com mais de duas horas de duração e emocionou os fãs de pagode na Capital

Alexandre Pires animou o público presente

Jornalista (JP) Cobertura especial JCE: Karine Alonso

O

cantor Alexandre Pires realizou mais um sonho em sua carreira, juntar-se novamente as origens do ‘Só Pra Contrariar’, um dos grupos mais importantes do samba/pagode do Brasil. Dessa vez, o Estado benefici-

iado foi Minas Gerais. A casa de shows ‘Chevrolet Hall’ em Belo Horizonte, recebeu o grupo no dia 10 de agosto de 2013, com superlotação e garantiu a festa dos fãs. Com muita animação, o SPC relembrou canções que fizeram história na vida de muitas pessoas. Sem atrasos para apresentação, os fãs ganharam de presente mais de duas horas de boa música e ótimas lembranças. Embalados pela canção ‘O Samba Não Tem Fronteiras’, os integrantes do SPC entraram no clima dos conterrâneos e sentiram acolhidos em casa. Um coro especial feito na abertura do show fez com que o reencontro em BH ficasse ainda mais bonito. “Digo trem bão, digo uai, digo por que, o samba não trem fronteiras, existe em qualquer lugar. De leste a oeste, de norte a sul deste país, o nosso samba está, Só Pra Contrariar”, cantaram todos os presentes na entrada dos sete pagodeiros do SPC. História e novidades >> O Só Pra Contrariar continua com a mesma formação do início da carreira, acompanhado por Alexandre Pires, Fernando Pires, Serginho Sales, Luisinho Vital, Hamilton Faria, Alexandre Popó e Juliano Pires. A turnê de comemoração dos 25 anos de carreira dos sambistas será realizada durante dois anos com direito a um DVD inédito gravado em Porto Alegre, que será lançado em breve. Canções como ‘A Barata’, ‘Domingo’, ‘Outdoor’, ‘Primeiro Amor’, ‘Você Vai Voltar Para Mim’, ‘Essa Tal Liberdade’ e ‘Depois Do Prazer’, provavelmente estarão neste novo trabalho. Descontração >> Como sempre muito bem humorado Alexandre Pires conduziu o show de forma simpática, brincando e conversando com o público. A

O Só Pra Contrariar fortaleceu o seu nome no cenário musical com letras de amor sem perder o ginga do samba/pagode

cada música, o cantor fazia referência ao ano correspondente da canção, fazendo uma espécie de ‘balanço’ da carreira. Algumas músicas tiveram modificações nos arranjos, como a canção: Que Se Chama Amor, mas não perderam a essência do pagode romântico, defendido pelo grupo desde o início de carreira. O Só Pra Contrariar fortaleceu o seu nome no cenário musical com letras de amor sem perder o ginga do samba/pagode. Os mineirinhos deixaram uma parte do show para homenagear alguns grupos de pagode que também foram sucesso na década de 1990, os irmãos Alexandre e Fernando Pires cantaram músicas do grupo Molejo, Negritude Júnior, Raça Negra entre outros. O #SPCTOUR25ANOS está sendo um ótimo presente para relembrar os momentos de ouro do pagode no Brasil.

Em Campo... GALO MÓVEL NAS RUAS Quando a paixão pelo time vai além dos sonhos

Fotos: Divulgação

P

aixão, fanatismo, loucura. Nada é exagerado quando se tenta definir o que um torcedor é capaz de fazer pelo clube que ama. O certo é que a criatividade tem ido além de exibições de bandeiras nas janelas, das camisas desfilando pelas ruas, ou as tatuagens estampadas na pele. Assim, o garçom Cláudio Borges, mais conhecido como Claudinho Galo Móvel, levou sua paixão pelo time de coração para as ruas de Belo Horizonte e surpreendeu pessoas de todas as idades. A ideia surgiu em 2006 a partir de um simples comentário do filho, na época com apenas quatro anos. Claudinho que confeccionava cristas de Galo em forma de chapéu e vendia para torcedores nos dias de jogos, ouviu o garoto pedir para criar uma crista tamanho gigante e colocar em cima do teto do carro. Não deu outra, com criatividade e ousadia, em alguns meses o primeiro Galo Móvel saiu as ruas da Capital mineira e provocou loucuras. A curiosidade era tanta que o garçom chegou a ficar parado por três horas no mesmo lugar para que pessoas tirassem fotos junto à sua obra atleticana. Em pouco tempo, o carro inusitado foi parar em jornais, revistas e nos

noticiários da TV. O Galo Móvel ganhou fama, virou personagem de DVD e também serviu de inspiração para outros torcedores e veículos. Nas redes sociais, o criador possui mais de 45 mil seguidores e constantemente é convidado para estacionar na porta de bares a fim de atrair a torcida e em eventos ligados ao esporte. Um dos fatos mais inusitados ao qual participou com o carro, foi um convite de levar um noivo atleticano para a igreja onde que se

casaria com uma cruzeirense e na porta foram recebidos pelos convidados cantando o hino do Galo. Para Cláudio, o reconhecimento do amor pelo time é tudo, já que arca com cerca de 80% dos custos para transformar o veículo. O restante vem de torcedores apaixonados como ele. Na lista de transformações de carros pelo criativo torcedor, estão um Ford Ka, um Audi e um Fiat Dublô. E sua última inven-

ção para homenagear a participação do Atlético Mineiro na Copa Libertadores de 2013, foi a caricatura em tamanho gigante do ídolo Ronaldinho Gaúcho. Na comemoração da conquista do torneio internacional, o Galo Móvel versão Ronaldinho Gaúcho fez a festa da massa atleticana e despertou olhares de torcedores de todos os times. O próprio jogador ao ver o carro no dia da carreata de comemoração oficial, mostrou-se surpreso e contente com o feito do nobre torcedor. Claudinho Galo Móvel tem pela frente muitos projetos e ideias para continuar homenageando o time. Um deles porém, é demonstrar sua gratidão ao atual presidente Alexandre Kalil que, segundo ele, soube administrar e montar um elenco grandioso para conquistar o tão sonhado título. No mais, o Galo Móvel que há oito anos circula pela cidade, tendo vitória ou não do Atlético, vai continuar chamando a atenção por onde passa e demonstrando que a paixão do torcedor jamais ficará no plano dos sonhos.

Jô Amaral Jornalista (JP) Colunista Esportiva e Editora da coluna ‘Em Campo’ no JCE


Lançamento...

Cobertura especial do evento: Jornal Correio Eletrônico Fotos: Felipe de Jesus, Fernando Roger e Karine Alonso

11

Mário Henrique ‘Caixa’ lança livro sobre conquista da Libertadores do

Atlético-MG Jornalistas (JP) Matéria: Felipe de Jesus e Karine Alonso (JP)

Reinaldo e Caixa no lançamento do livro

Fotos: Fernando Roger

M

ário Henrique, ‘Caixa’, deputado Estadual pelo PSDB, jornalista e narrador da rádio Itatiaia, acaba de lançar um presente para os torcedores Atleticanos, o livro, ‘Eu Acredito! Atlético Campeão da Libertadores 2013’. A obra contém mais de 3 horas de gravação de áudio com todos os gols do Galo na campanha, as defesas do goleiro Victor, as fotos dos jogos e dos ídolos atleticanos e passo a passo a conquista do título inédito. O lançamento foi realizado no dia 20 de agosto na livraria Leitura do BH Shopping, cerca de 500 pessoas estiveram presentes. Em entrevista ao ‘Jornal Correio Eletrônico’, Mário Henrique, disse que fazer um livro descrevendo a conquista da Libertadores, título tão almejado pelos torcedores do Galo foi algo quase que indescritível.

“É uma alegria muito grande ver a torcida do Atlético reunida, ver o reconhecimento do trabalho que fazemos na rádio Itatiaia. Um título histórico que eu esperei 40 anos para ver. Eu fico muito feliz e agradeço a Deus por participar desta festa, por ter narrado este título e pela parceria da Panda Books com a Itatiaia. No entanto, espero poder narrar outros títulos do Atlético. É bom saber que as pessoas admiram o nosso trabalho”, relatou sorridente. Em relação à receptividade do público ao seu livro, Henrique disse que as pessoas estão gostando muito do material. “O público está recebendo bem pelo o que percebi, pois muitas pessoas já compraram o livro. Lembro que além do CD áudio, tem as fotos dos jogos que ficaram muito bacanas. É um momento histórico para todos que gostam e que acompanham os jogos do Atlético. Vale a pena conferir e adquirir este material, é algo para ficar na memória”, completou.

E m an u el C ar n e ir o, d ir et or presidente da Rádio Itatiaia, elogiou o material do narrador. “O trabalho é muito bonito. Gostaríamos de agradecer a presença de tantas pessoas. É uma emoção muito grande para os torcedores ouvirem daqui há 40, 50 anos”, declarou. Embalada por uma geração de atleticanos eufóricos, Raissa Câmara, de 17 anos, disse que é de extrema importância ter um material como o áudio livro para guardar a lembrança da Libertadores. “Sou atleticana desde que nasci e o amor ao Galo veio de geração para geração. O livro é muito importante para mim, por que vai materializar uma lembrança emocionante. Eu adoro o jornalista Caixa e ouvindo as narrações dele no CD, dá medo de novo, medo da bola do adversário entrar novamente”, brincou. Rei no lançamento >> Também esteve presente no lançamento, o ex-jogador e ídolo do Atlético nas décadas de 1970 e 1980, Reinaldo, mais conhecido como “Rei”. De acordo com ele, o livro é um momento histórico para o clube. “Momento incrível da história do clube Atlético e muito bem registrado na voz do Caixa e por toda equipe da rádio Itatiaia. O Atlético sempre foi conhecido por revelar grandes heróis e a confiança para o mundial é bem grande. Se a conquista do mundial vier, será a consagração total do Galo, podem ter certeza”, concluiu. Além da Leitura e demais livrarias, o áudio livr o t am b é m p od e s er ad q u ir ido pela internet no site da editora Panda Books. Confiram!

Assine a ‘Revista Correio Eletrônico’ Uma publicação mineira de cultura, lazer, xadrez, fotografia, eventos, finanças-economia e turismo.

Peça já a sua pelo: agenciadecomunicacaocorreio @gmai.com

Ou pelos telefones: (031) 8561-5255 (031) 8570-7347

Receba a revista em sua residência e ganhe também a

Apenas: R$ 50 por ano


Divulgação

O jornalismo se modificou, as máquinas de escrever foram trocadas pela tecnologia. Os computadores e a Internet, hoje reinam no século 21. Porém, algo ainda continua o mesmo: jornalismo sério com profissionalismo e credibilidade, poucos conseguem oferecer para os leitores. (Felipe José de Jesus)

Revista

Conheça também o site do jornal: www.jornalcorreioeletronico.com.br E-mail: jornalcorreioeletronico@gmail.com

Revista Correio Eletrônico 16ª Edição - agosto e setembro de 2013 pdf  

Publicação de entretenimento: Cultura, Xadrez. Fotografia, Coberturas JCE, Saúde e Vida, Economia e Finanças, Política, Cooperativas, Lançam...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you