Page 1

Cultura

CENÁRIO MINAS o

m ris

Tu

Rev

ista

Cenário MINAS

te

tre

En

to

en

nim

Ano 5 - Edição #36 - Revista Digital - Março/Abril 2019

Ator de Jezabel, Gabriel Felipe faz segredo sobre personagem e comenta experiência em tramas bíblicas: “Sempre um desafio”


EXPEDIENTE Redação e Administração: Av. Prof. Cândido Holanda, 70/405 - São Bento Belo Horizonte - MG - Cep: 30350-340 Tel.: (31) 99126-5236 Email.: cenarionegocios@gmail.com

Jornalistas Responsáveis:

Cultura Cultura

Geraldo Félix de Almeida Júnior - Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ): 09430 - MG / Federação Internacional de Jornalistas (FIJ): BR 17273 - Jornalista

MINAS o

ism

T ur

m

eni

et ntr

o ent

E

www.cenariominas.com.br

Felipe José de Jesus - Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ): 15.263-JP-MG / Federação Internacional de Jornalistas (FIJ): BR 17267 - Jornalista (revisor e editor) Gilvana Magareth Almeida (Produtora e Coordenadora da Cenário Kids) Colaboradores: Priscila Silvestre (SP), Maria Pericás (RJ) Fotógrafos convidados: Daniel Stone, Thiago Pereira, Kiki Santoro, Christiano Santiago (Viewtiful) Site e Programação: Lucas Vanderlei Filiado nas Associações:

Os artigos são de responsabilidade dos autores e não refletem a opinião da Revista Cenário Minas. A Cenário Minas também não se responsabiliza pelo uso de suas informações no site e na Revista.


Cenário Geraldo Félix Jr

Felipe J. Jesus

Jornalista

Jornalista

Priscilla Silvestre Jornalista

Sérgio Steiner Maria Pericás Jornalista

Cenário Minas - Contato: cenarionegocios@gmail.com Elberty Valadares

3


Cenรกrio

04 - Cenรกrio Minas

Revista Cenรกrio Minas - www.cenariominas.com.br


Cenรกrio

Revista Cenรกrio Minas - www.cenariominas.com.br

05 - Cenรกrio Minas


Cenário A gratidão transforma A

Jornalista: Maria Pericás

cada dia que passa, eu tenho mais certeza do quanto a gratidão tem um poder transformador. Talvez seja o mecanismo mais eficaz e rápido para mudar os resultados que você está alcançando em sua vida agora. É por isso que venho trabalhando tanto em ações para estimular minha audiência a exercitar a gratidão. Fiz a Jornada de 10 dias da gratidão no Periscope, estou fazendo a de 66 dias no Facebook : www.facebook.com/marcialuz.fanpage, estou criando um curso e escrevendo um livro de gratidão e ainda fiz os 3 super webinários da gratidão ao vivo, 3 terçasfeiras seguidas, via hangout, cujo objetivo foi gerar uma grande corrente, uma super energia para limpar o planeta das vibrações negativas.

A cada dia que passa, eu tenho mais certeza do quanto a gratidão tem um poder transformador. Talvez seja o mecanismo mais eficaz e rápido para mudar os resultados que você está alcançando em sua vida agora.

Num dos seus livros ele conta que tinha um abacateiro no quintal. Estava nascendo muito abacate e ele não sabia o que fazer com todos eles; então pegou alguns abacates e levou de presente para uma vizinha.

É por isso que venho trabalhando tanto em ações para estimular minha audiência a exercitar a gratidão. Fiz a Jornada de 10 dias da gratidão no Periscope, estou fazendo a de 66 dias no Facebook : www.facebook.com/marcialuz.fanpage, estou criando um curso e escrevendo um livro de gratidão e ainda fiz os 3 super webinários da gratidão ao vivo, 3 terçasfeiras seguidas, via hangout, cujo objetivo foi gerar uma grande corrente, uma super energia para limpar o planeta das vibrações negativas.

A vizinha na hora recebeu os abacates, ficou muito feliz e agradeceu. Até aí, todo mundo faz isso. Você ganha alguma coisa, e se minimamente tem educação, esperase que você diga: “Muito obrigado, foi muito gentil da sua parte.” E foi isso que a vizinha do Anthony Robbins fez. Acontece que dois dias depois, ela procurou o Tony e falou o seguinte: “Olha Tony, eu preciso te contar uma coisa: eu fiquei realmente muito feliz com os abacates que você levou pra mim, eu adoro abacate e eu estou podendo todos os dias, na hora do almoço e na hora da janta, comer abacate. Já fiz mousse de abacate, estou aproveitando, está uma delícia, está muito gostoso, está muito bom e eu quero realmente te agradecer por esse presente inesperado que você me deu. Você não faz idéia de como me deixou feliz trazendo esses abacates.”.

E uma das histórias que eu gosto muito de gratidão, eu aprendi com Anthony Robbins; considero Anthony Robbins um dos maiores profissionais de autodesenvolvimento humano do mundo; ele é realmente um cara brilhante, fantástico, autor dos livros “O Poder Sem Limites”e “Desperte seu Gigante Interior”, entre outros. Ele tem um trabalho fabuloso. Num dos seus livros ele conta que tinha um abacateiro no quintal. Estava nascendo muito abacate e ele não sabia o que fazer com todos eles; então pegou alguns abacates e levou de presente para uma vizinha. A vizinha na hora recebeu os abacates, ficou muito feliz e agradeceu. Até aí, todo mundo faz isso. Você ganha alguma coisa, e se minimamente tem educação, espera-se que você diga: “Muito obrigado, foi muito gentil da sua parte.” E foi isso que a vizinha do Anthony Robbins fez.

06 - Cenário Minas

É por isso que venho trabalhando tanto em ações para estimular minha audiência a exercitar a gratidão. E uma das histórias que eu gosto muito de gratidão, eu aprendi com Anthony Robbins; considero Anthony Robbins um dos maiores profissionais de autodesenvolvimento humano do mundo; ele é realmente um cara brilhante, fantástico, autor dos livros “O Poder Sem Limites”e “Desperte seu Gigante Interior”, entre outros. Ele tem um trabalho

O Tony ficou até meio constrangido porque ele não esperava tudo isso, afinal eram apenas abacates, mas ficou também muito feliz. E depois que a vizinha foi embora, ele curtiu esse momento de felicidade pela gratidão que ela manifestou. Então ele olhou para o pé de abacate e pensou: “Mas ainda tem mais abacates aqui e eu posso levar um pouquinho mais pra ela”. Ele colheu mais alguns abacates e levou para presentear a vizinha novamente.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário “Pois a quem tem, mais será dado e terá em grande quantidade, mas a quem não tem, até o que tem lhe será tirado.”

Foto: Divulgação

Olha que curioso: a gratidão dessa mulher foi tão grande que gerou no Anthony Robbins o desejo de fazer mais, de poder fazer algo que ela pudesse ficar ainda mais feliz. E o Universo faz exatamente isso com a gente. Você ganha alguma coisa do Universo, você recebe, por exemplo, um dinheiro que estava atrasado, mas não é muito dinheiro, são apenas cinquenta reais, então você diz: “Mas é só isso? Isso não dá nem pro cheiro. Isso não dá nem pra tampar o buraquinho das dívidas que eu tenho.”. O que o Universo entende? Não gostou, então não vou mandar mais. Se você manifesta a sua felicidade pelo pouco que você ganhou, o Universo entende e diz: “Ah, ela gostou disso, então vou mandar mais abacates pra ela.” Tem um trecho na Bíblia, na realidade em Matheus 25:29, que diz exatamente o seguinte: “Pois a quem tem, mais será dado e terá em grande quantidade, mas a quem não tem, até o que tem lhe será tirado.” E a primeira vez que eu li esse trecho eu falei: “Nossa que injustiça! Quer dizer que o rico vai ficar cada vez mais rico e o pobre cada vez mais pobre? Quer dizer que o Universo dá mais pra quem já tem e quem não tem nada ainda tira o pouco que tem”?

Do que esse trecho Bíblico está falando? A pessoa que tem muita gratidão e agradece ao que ela tem e sintoniza nessa freqüência, o Universo dá mais do mesmo. Agora aquela outra, que fica reclamando do que não tem e que não é grata ao que recebe da vida, até o pouco que tem, vai acabar perdendo. Então é bem importante que você cultive a gratidão, comece a agradecer as pequenas coisas que a vida te dá, aos pequenos momentos de alegria que o dia te proporciona, as pequenas surpresinhas que aparecem; fique atento a isso, agradeça, tenha um espírito grato. A sua vida vai começar a se transformar, porque o Universo vai entender que você adorou aquele pouquinho e vai mandar mais, mais abacates, mais bênçãos, mais saúde, mais prosperidade, mais amigos, melhores relacionamentos. E você vai poder dizer: “Nossa! Minha vida realmente é próspera e eu sou capaz de realizar todos os meus sonhos.” E no vídeo de hoje vou explicar porque isso acontece e de que forma a gratidão pode trazer grandes benefícios para a sua vida e para a realização de seus sonhos.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

A psicóloga e coach Marcia Luz é autora do

llivro “O Milagre da Gratidão: Desafio de 90 dias”, que ficou na lista dos mais vendidos da Veja. Com 28 anos de carreira, Marcia treinou mais de 400 mil pessoas e é doutora no assunto “Gratidão” pela Florida Christian University ( FCU), nos Estados Unidos. A coach é fundadora do método “A Gratidão Transforma”, um programa online completo e comprovado que já ajudou mais de 18 mil alunos a conquistarem seus objetivos. Pós-graduada em Administração de Recursos Humanos,especializada em Gestalterapia,Mestre em Engenharia de Produção e Coach Executiva e Pessoal, Márcia também é autora de mais dez livros e fala do tema gratidão também através das mídias sociais que conta com 500 mil seguidores. Autora dos livros: - Lições que a vida ensina e a arte encena - Outras Lições que a vida ensina e a arte encena - Construindo um futuro de sucesso - Agora é pra Valer - A gratidão transforma - A gratidão transforma sua vida financeira - A gratidão transforma a sua saúde - A gratidão transforma os seus pensamentos - Coach Palestrante - Coach da gratidão financeira - O Milagre da Gratidão

Redes Sociais: Canal do youtube: https://www.youtube.com/user/marcial uztv Instagram: marcialuz Facebook: Marcia Luz

07 - Cenário Minas


Cenário Caso de sucesso: manter salão de beleza não é tarefa fácil Priscila Silvestre - Jornalista

Na

contramão da maioria dos estabelecimentos, que geralmente foca apenas em um tipo de serviço, o Studio Nanno aposta na diversificação. Sendo assim, a cliente pode desfrutar de vários serviços em um só lugar, englobando corpo, rosto, unhas e cabelos, sempre nas mãos de profissionais graduados e gabaritados. Por trás do sucesso do espaço, é importante ter também uma história de pano de fundo. No caso, o Sr. Nanno, apelido de Saulo Matheus Arantes Alves, de 42 anos. Arquiteto e empresário da construção civil, ele enxergou no setor de beleza uma possibilidade de diversificar os seus negócios. O início na área foi com uma franquia D'pil, onde se apaixonou por este nicho de mercado e resolveu ampliar o negócio com marca própria. À frente do sucesso de todo o negócio está Erica Cristiane Pereira de Carvalho, de 40 anos. Formada em Administração, trabalhou no setor de marketing na indústria farmacêutica. Casada e com dois filhos, entrou no ramo da estética há oito anos, sendo sócia de Saulo Matheus.

Unir diversos serviços em um só lugar é primordial para o sucesso O estabelecimento traz em seu DNA o uso da tecnologia a favor da beleza, além de buscar a modernidade no espaço físico na intenção de transmitir aos seus frequentadores uma sensação diferente. Por isso, foi adotado um estilo arquitetônico muito conceituado e ousado, a Pop Art. Então, o local usa e abusa de cores fortes e vibrantes. “Por essa razão, trabalhamos com equipamentos de alta qualidade, para melhor efeito e resultado nos procedimentos realizados, oferecendo os mais modernos tratamentos de cabelos, unhas, estética facial e corporal. Nossos profissionais são altamente capacitados, mantendo-se sempre atualizados das mais modernas tendências do ramo da beleza. Trabalhamos sempre com produtos de alta performance, das melhores marcas nacionais e importadas, proporcionando uma experiência ímpar a seus clientes”, finaliza Erica. O curso de Mediação já engloba a conciliação e seu objetivo geral é oferecer um conteúdo que promova a capacitação dos diversos agentes interessados na prática da mediação e conciliação no contexto público em processos judiciais e privados extrajudiciais.

envolvimento Além disso, o curso busca promover o des processo de habilidades autocompositivas, como um e a promoção pedagógico para a autonomia dos sujeitos curso segue de atitudes mediadoras, afirmamos que o todos os padrões do CNJ.

www.centrodemediadores.com/ 08 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Fabiana Karla visita a especialista das estrelas Priscila Silvestre - Jornalista

Na última terça-feira, dia 19, a Dra. Fabiana Nogueira recebeu em sua clínica a atriz Fabiana Karla e seu marido, Diogo Mello. A doutora iniciou a harmonização orofacial em Diogo, realizando uma Bichectomia. Essa cirurgia consagrou a especialista como a doutora “mãos de fada”, onde atende dezenas de artistas e atletas. No currículo já são mais de 3500 procedimentos. “Comecei a harmonização orofacial do Diogo promoverá saúde e harmonia para a sua face. O próximo passo será de preenchimentos, complementando o planejamento orofacial que tracei para ele”, esclarece Fabiana. Dra. Fabiana Nogueira Fabiana Nogueira Carol Nakamura

Conhecida como “mãos de fada”, a cirurgiã-dentista já harmonizou o rosto de centenas de celebridades

Um currículo cheio de conquistas Com mais de 10 anos de experiência em Odontologia, a cirurgiã-dentista Fabiana Nogueira atuou em diversos segmentos da área, como cirurgias de emergência nos hospitais do Rio de Janeiro, além da restauração do sorriso de atletas. Atualmente, se dedica exclusivamente à harmonização orofacial, assim, carrega números especiais que lhe destacam como referência. Um dos grandes ápices do seu reconhecimento como cirurgiã ‒ além da harmonização orofacial ‒ surgiu em 2017, quando foi convidada para integrar o seleto grupo de profissionais membros da Academia Brasileira de Odontologia. Desde então, ela ocupa a cadeira de número 38. Esse panorama também fez com que a Dra. Fabiana conquistasse o Prêmio de Melhor Harmonização Orofacial de 2018, onde recebeu a estatueta no 37º CIOSP (Congresso Internacional de Odontologia de São Paulo) realizado no Expo Center Norte, São Paulo, no último dia 31. “O ano de 2019 começou melhor do que eu poderia pensar. Além de mais uma vez palestrar no CIOSP, ganhei esse prêmio tão importante”, comemora.

Ery Mariano, filha Tiririca

O sorriso das estrelas Se os famosos sempre são um grande espelho para os fãs, então, é importante que eles mostrem o sorriso que muitos desejam. Assim, a ortodontista já realizou mais de 3500 mil cirurgias de Bichectomias. Entre as estrelas estão o ator Rodrigo Sant'anna, a Miss Brasil Debora Lyra, a bailarina e atriz Carol Nakamura, Mc Marcelly, Mc Brunninha, Adriana Bombom e Perlla, os cantores gospel como Daniela Araújo, Rose Nascimento, Wilian Nascimento, Eyshila, Waguinho, os jogadores Henrique Dourado, Lenny e Robert Piris, entre outros.

Serviço: Dra. Fabiana Nogueira - www.drafabinogueira.com Fabiana Karla

10 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Chegou Tem+ Araujo. O programa de vantagens pra você que é de casa.

Pra você que está sempre dando uma passadinha por aqui, agora existe o Tem+ Araujo, um programa com benefícios, descontos e muito mais pra quem já é de casa. É só informar SEMPRE o seu CPF no caixa para ter todas essas vantagens. Aproveite!


Cenário Escritora carioca lança obra para falar de amor com jovens e criança Da redação

"Amar é um ato de coragem", já dizia o Paulo Freire. E munida desta força vanguardista, a carioca Michelle Magalhães se atreveu a falar do amor nas suas duas formas mais puras, o ágape, que é o amor puro sem intenções,divino e incondicional,sem limites, e o philia, altamente relacionado com as nossas emoções, é o amor humano entre famílias e amigos. etc.. no livro "O Rei Amoroso/The Loving King". A obra conta com ilustração Talita Almeida e selo da editora Autografia. "O amor foi a chave para criação. E me sinto feliz por ser capaz de amar as pessoas ao meu redor com todo meu coração. E transmitir isso em formato de uma história leve me deixa muito realizada", explica a autora que é mãe dos jovens, Victor Hugo de 19 anos e Nikolas Hugo de 15. No decorrer das páginas, o leitor irá mergulhar na saga de um rei superpoderoso e sua batalha para proteger seus filhos ao longo dos séculos de um príncipe perverso. Para isso, dentro de cada um de seus filhos, o Rei Amoroso escondeu superpoderes por vários séculos para proteger seus amados de toda maldade que os cercava neste mundo. Apostando na dupla aprendizado divertido, a obra possui ilustrações coloridas na versão em português e em inglês as cores ficam a cargo do leitor, o que torna didático e divertido. "Meu objetivo maior com o livro é auxiliar crianças e jovens a terem acesso ao amor sem críticas, julgamentos, opiniões pré-concebidas ou doutrinas, para que possam ter uma relação incrível com o Rei amoroso", finaliza escritora.

12 - Cenário Minas

Sobre a autora Michelle Magalhães é uma escritora carioca de 36 anos, mãe de dois rapazes: Victor Hugo, de 19 anos, e Nikolas Hugo, de 15, além de ser empreendedora, empresária, paisagista e life coaching. Com 62 páginas, a obra pode ser encontrada pela internet e no site da editora, além de todas as livrarias físicas do Rio de Janeiro.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Whindersson Nunes inicia turnê internacional com show lotado em Portugal @Gabi Mello by Bruno Mendes Da redação

Whindersson Nunes Batista, ou simplesmente Whindersson Nunes, nasceu no Piauí, filho de Dona Valdenice Nunes e Hildebrando Sousa Batista. Terceiro filho de quatro decidiu, aos quinze anos de idade, que queria fazer vídeos para o YouTube e, foi em 2012, com a paródia "Alô vó, tô reprovado", que alcançou a marca de cinco milhões de visualizações em uma semana e, hoje, o canal conta com mais de 34 milhões de inscritos. YouTuber, ator de stand up comedy e às vésperas de estrear o longa "Os Parças 2", quem segue o moço tem notado a preferencia do seu guarda-roupa pela grife Hundred Limit onde, inclusive, possui uma linha de T-Shirts e bonés e faz questão de afirmar: "essas roupas são muito massa". Visionário, o jovem está em turnê internacional e acaba de se apresentar em Portugal, no Porto, com mais de 3 mil expectadores e, claro, o look escolhido para aguentar o frio europeu foi da marca que está presente no closet de outros famosos como Neymar Jr., Ludmila, Tati Zaqui, Ferrugem e diversos desportistas: Hundred Limit. A grife que já é intitulada como "life style", vem conquistando os mais exigentes por buscar, a cada nova coleção, unir o fashionismo das passarelas com a moda de rua, daí, a identificação com o estilo street fashion. Além desta inovação, o uso de tecidos de alta qualidade e a confecção de pouquíssimas unidades por peça, garante essa exclusividade. Whindersson ainda ficará por dois meses em turnê, passando por Oslo e Amsterdan e garante: "tem muita risada e roupa bonita ainda para mostrar".

Conheça a Hundred Limit e a linha WN, assinada por Whindersson Nunes, pelas redes sociais @hundredlimit e www.hundredlimit.com Parcerias, contato com a imprensa e produções: (11) 99397-0551 Claudia Ramos

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

13 - Cenário Minas


Cenário

A educação é um direito de todos? Por Flávia Albaine

Olá, pessoal! Na edição de março da Cenário Minas eu vou abordar um tema muito pertinente: a educação inclusiva. Ela é um direito fundamental previsto nos artigos 205 a 214 da Constituição Federal de 1988, além de outros atos normativos e tratados internacionais dos quais o Brasil é signatário. Apesar de ser um direito fundamental e de suma importância para que o indivíduo possa se desenvolver objetivando a realização da vida em todas as suas potencialidades, o cenário brasileiro tem demonstrado que tal direito – assim como tantos outros direitos fundamentais – ainda é restrito apenas para uma parcela da população diante de inúmeros obstáculos políticos, sociais, culturais e de tantas outras ordens que se fazem presentes. O Brasil ratificou a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu protocolo facultativo em agosto de 2008, através do Decreto Legislativo 186 de 09 de julho de 2008. Ressalte-se que o sistema educacional inclusivo é um direito fundamental, expressamente previsto no artigo 208, inciso III da Constituição Federal Brasileira, no artigo 24 da Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e nos artigos 27 a 30 do Estatuto da Pessoa com Deficiência; além de outros diplomas nacionais e internacionais do qual o Brasil é signatário. Ademais, é indiscutível o protagonismo que o acesso à educação assume diante de qualquer tentativa de transformação social que se pretende duradoura e profunda.

A educação na atualidade Em experiência pessoal na condição de Defensora Pública e realizando o trabalho de educação em direitos pelo interior do estado de RO, eu pude constar a falta de estrutura das entidades do ensino público para a efetivação do direito à educação de seus alunos com algum tipo de deficiência. As colocações mais constantes para justificar a debilidade do ensino inclusivo na região foram: professores relatando que a graduação não lhes concedeu conhecimento técnico para tal e que a escola também não investe em cursos de capacitação com esse objetivo, ausência de equipe interdisciplinar para atender as necessidades do aluno com deficiência, carência de planos de ações personalizados que considerem as peculiaridades do aluno com deficiência e pouco investimento em tecnologias assistivas que objetivem a inclusão do aluno com deficiência no ambiente escolar.

Não temos a pretensão de esgotar o tema em debate nesse singelo artigo, mormente diante da complexidade que é inerente ao mesmo. Algumas dessas medidas de apoio ao sistema educacional inclusivo podem ser encontradas no artigo 28 do Estatuto da Pessoa com Deficiência cujo rol não é exaustivo e que prevê a inclusão da deficiência no conteúdo programático dos cursos superiores, a efetiva oferta de profissionais de apoio para viabilizar a inclusão, o ensino de libras e brailes para os estudantes, a adaptação do ambiente escolar para garantir condições de acessibilidade, o estímulo à realização de pesquisas sobre o tema, a participação dos estudantes com deficiência nas diversas instâncias de atuação da comunidade escolar, dentre outros. Não temos a pretensão de esgotar o tema em debate nesse singelo artigo, mormente diante da complexidade que é inerente ao mesmo. Queremos deixar a nossa reflexão sobre a importância de mudanças para que as pessoas com deficiência também estejam englobadas na expressão “todos” quando o artigo 205 da Constituição Federal diz que “a educação é um direito de todos”.

Serviço: Juntos pela Inclusão Social – www.facebook.com/br/juntospelainclusaosocial

Quem é Flávia Albaine? Bacharel em Direito pela UFRJ (2008), é especialista em Direito Privado pela UERJ (2016). Atualmente é Defensora Pública do Estado de RO, colunista de educação em direitos da Revista Cenário Minas (desde maio 2018), membro integrante da Comissão de Pessoas com Deficiência e Comissão dos Direitos da Mulher da Associação Nacional de Defensoras e Defensores Públicos (desde julho 2018) e criadora do Projeto Juntos Pela Inclusão Social.

14 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Corporativa pรกgina 7

Pรกgina 7


Cenário George Arrunáteghi leva ao palco as canções de Tropical Romance Redação Cenário Minas

Com um repertório que privilegia canções sobre o amor em suas mais distintas nuances, Tropical Romance é o mais recente trabalho do intérprete e compositor George Arrunáteghi. Gravado entre Belo Horizonte, Los Angeles (EUA) e São Petersburgo, na Rússia, com produção de Christiano Caldas, o CD conta com participação da Orquestra de São Petersburgo, da cantora e professora de canto norteamericana Pat Whiteman, além da colaboração de um trio de cantoras e de vários instumentistas mineiros de talento reconhecido. É essa excelência musical que George Arrunáteghi vai apresentar também ao vivo, nos shows de divulgação do disco. A primeira apresentação de Tropical Romance acontece em Belo Horizonte, no dia 25 de maio, no palco do Cine Theatro Brasil Vallourec, às 21 horas. Segundo CD de George Arrunáteghi (o primeiro, Let’s Fall in Love, foi lançado em 2015), Tropical Romance apresenta em suas 13 faixas uma maior afinidade com a produção contemporânea, embora inclua em seu repertório dois hits atemporais (Moonglow e Till There Was You). Seguindo a receita do título, o repertório privilegia músicas de grande densidade emocional, como Je Suis Malade, de Serge Lama, e Self Pity, da holandesa Margriet Eshuijs, We All Fall in Love Sometimes (Elton John/Bernie Taupin) e Lay Down Your Guns (Emerson, Lake & Powell), como também apresenta releituras sofisticadas e vibrantes de Being Cool (Avião), de Djavan, e Till There Was You e Moonglow (dois clássicos da era do jazz). Há, ainda, neste repertório, dois ‘achados’ de George Arrunáteghi: a delicada canção Winter Snow, da norteamericana Ruth Roberts (em parceria com William Katz), vem em dose dupla, com uma versão em espanhol, Nieve de Inverno: e Cavaleiro Andante, do lusitano Rui Veloso, a única faixa do CD com letra em português. Na interpretação de George, ela acabou ganhando um arranjo abolerado, com inspiração no estilo de Nana Caymmi. A canção que dá titulo ao CD é de autoria do próprio Arrunáteghi, assim como Love Souvenir.

Crédito: Vitor Maciel

Tropical Romance ao vivo Nesta apresentação, o cantor estará acompanhado de banda e coro, praticamente a mesma formação de instrumentistas e cantoras que participou da gravação do disco (entre eles, saxofonista Breno Mendonça, o guitarrista Leandro Aguiar e o percussionista Sérgio Silva, além do tecladista e arranjador Christiano Caldas; e elas são Mari Morais, Nubia Mansur e Renata Cabral). O show conta também com um projeto visual, concebido por Sandra Motta e moldado a partir das aquarelas que ilustram o CD, além de painéis de LED, e recursos audiovisuais, no sentido de reproduzir no palco toda a musicalidade registrada no CD. Em um momento do show, George irá “contracenar” consigo mesmo e, num outro, com Pat Whiteman, através de gravações em vídeo. Durante Countdown to Love, em que ele canta em quatro vozes, ele dividirá o palco com três gravações suas projetadas em telas, e em “Self Pity”, ele fará um dueto com a cantora norte-americana (que gravou um vídeo em Los Angeles especialmente para a ocasião). Os momentos com a Orquestra de São Petersburgo também serão reproduzidos digitalmente.

Serviço: Show de lançamento do CD Tropical Romance, de George Arrunáteghi 25 de maio, às 21 horas, no Cine Theatro Brasil Vallourec Av. Amazonas, 315 - Centro Classificação: Livre Informações: (31) 3201-5211 Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia). Venda na própria bilheteria do teatro ou pela internet www.eventim.com.br

16 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Nova turnê de Dire Straits Legacy chega a Belo Horizonte no final de março Redação Cenário Minas

No final de março, a Dire Straits Legacy volta ao Brasil com seu novo show, Tour 2019. As apresentações acontecerão no dia 29 de março, no Teatro Sesc Palladium, em Belo Horizonte, no dia 30 de março, no P12, em Florianópolis, no dia 06 de abril, na Concha Acústica, em Salvador, no dia 07 de abril, no Vivo Rio, no Rio de Janeiro, no dia 09 de abril, no Tom Brasil, em São Paulo, no dia 10 de abril, no Coupolican, em Santiago, Chile, no dia 11 de abril, no Luna Park, em Buenos Aires, Argentina, no dia 13 de abril, na Goiânia Arena, em Goiânia, e no dia 14 de abril, no Teatro Ulisses Guimarães, e Brasília. DIRE STRAITS LEGACY traz um show único e emocional que revive a inesquecível e mágica atmosfera da banda britânica formada na década de 1970. Além de Jack Sonni, guitarrista que integrou o Dire Straits a época do lançamento do álbum Brothers in Arms.

Serviço: Data: 29 de março (sexta-feira) Local: Teatro Sesc Palladium Cidade: Belo Horizonte - MG

Crédito: Pablo Ghaderi

Papa Francisco envia carta saudando o Censa Betim pelos trabalhos realizados Da redação

O Censa Betim foi surpreendido com o recebimento de uma carta enviada pelo Papa Francisco através de seu assessor, Mons. Paolo Borgia, saudando a diretoria, colaboradores, educandos e respectivas famílias pelos serviços prestados. Em setembro de 2014, pouco antes de completar 50 anos de trabalhos, o Centro Especializado Nossa Senhora d’ Assumpção fez contato com a pontífice com um pedido de bênção, onde a diretora Natália Costa informou sobre a comemoração da instituição, documentando os serviços que a mesma presta às pessoas com deficiência intelectual na cidade de Betim, em Minas Gerais. Em resposta à diretoria, o documento recebido enaltece o apreço celestial pelas atividades exercidas na instituição, e os concede a Bênção Apostólica implorada pelo Papa Francisco.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

17 - Cenário Minas


Cenário Autoconhecimento como ferramenta para o despertar da consciência

A importância de trabalhar a inteligência emocional para encontrar um estado de equilíbrio, paz e harmonia Redação Cenário Minas

Para quem gosta de estudos sobre práticas milenares usadas nos estudos sobre o ser humano, eis uma oportunidade de aprender acerca de temas na área. Buscar e deixar aflorar dentro de si sua melhor versão. Essa é a premissa que move o curso de eneagama Andréa Aguiar, que tem como objetivo o estudo e a identificação dos padrões de comportamento dos nove tipos de personalidade, revelando a estrutura do caráter, suas motivações inconscientes e as razões dos comportamentos que vivemos. O curso ajuda, também, a compreender, aceitar e transformar os comportamentos disfuncionais de sua personalidade. A estrutura desse trabalho é baseada na experiência teórico-vivencial em grupo que confronta os participantes com a possibilidade de um autodiagnóstico à luz desta sabedoria.

Portanto, constitui um poderoso recurso de autoconhecimento e transformação interior capaz de promover o descondicionamento dos padrões que impedem o desenvolvimento do potencial amoroso e criativo da verdadeira natureza do indivíduo. "Por meio da inteligência emocional, neurociências e conhecimentos do comportamento humano como o eneagrama, temos a possibilidade reais de nos tornarmos mais conscientes e plenos. Viramos protagonistas de nossa própria vida e ficamos livres de bloqueios, como angústia, depressão e ansiedade", revela a Master Coach Sênior, Andréa Aguiar. Contudo, para compreender mais sobre o Curso de Eneagrama, é preciso ir ao seu encontro em busca de se conhecer melhor, aprofundar o entendimento de suas escolhas de vida e de ampliar a compreensão a respeito do comportamento humano, essa é uma excelente oportunidade

Você realmente se conhece? Então me diga em qual pessoa abaixo você mais se reconhece. 1. Pessoa Boa 2. Pessoa Amorosa 3. Pessoa Eficaz 4. Pessoa Original 5. Pessoa Sábia 6. Pessoa Leal 7. Pessoa Alegre 8. Pessoa Poderosa 9. Pessoa Pacífica

Talvez você se identificou com mais de uma das pessoas acima, mas existe um padrão que melhor motiva suas ações. Qual deles seria? O Eneagrama é uma poderosa ferramenta que identifica nove padrões de personalidade e os atributos de cada uma delas. Não existe um jeito único de pensar, sentir e fazer as coisas. Muitas dificuldades de relacionamentos pessoais e profissionais poderiam ser evitadas ou melhor administradas se eu, verdadeiramente, me conhecesse e conhecesse bem o que motiva o comportamento das pessoas. O Eneagrama te convida ao autoconhecimento e ao conhecimento do outro. Teremos curso em fevereiro em Belo Horizonte. São apenas 10 vagas e as inscrições já começaram. Informações pelo direct ou pelo WhatsApp 31993740363 Andréa Aguiar Psicóloga, Especialista em Comportamento Humano, Master Coach Sênior www.andreaaguiar.com.br

18 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Gabriel Felipe, o Ezri, da macrossérie Jezabel, nova trama da Record TV Jornalista: Maria Pericás

O jovem ator Gabriel Felipe, de 18 anos, que irá estrear na macrossérie Jezabel, nova trama da Record TV, conversou com a equipe da Revista Cenário Minas, no Rio. Na história, ele será Ezri, o segundo personagem bíblico de sua carreira. Anteriormente em O Rico e Lázaro, Gabriel deu vida ao personagem Zac em sua juventude e posteriormente substituído por Igor Rickli. Para quem não se lembra, o garoto também integrou um dos núcleos da novela das 21h da Globo Avenida Brasil. Gabriel era uma das crianças que moravam no lixão comandado por Mãe Lucinda, Vera Holtz, e Nilo, José de Abreu e desde então vem emendando trabalhos e produções musicais também. Com direção de Alexandre Avancini, mesmo diretor da saga "Os Dez Mandamentos", a história narra a vida de uma rainha religiosa que se perdeu após espalhar uma veneração aos seus súditos e abusando do poder que a foi concedido. Jezebel marca a estreia de Cristianne Fridman como autora na temática religiosa. Nos estúdios em Paulínia, São Paulo, continuam as gravações que tem estreia programada para março. Revista Cenário Minas – Existe um incentivo dentro de sua família, para você atuar ? Gabriel Felipe - Sim, desde muito novo, meus pais me apoiaram e me incentivaram a fazer o que gosto. Minha mãe, é minha super companheira, me acompanha em todos os meus trabalhos. Revista Cenário Minas - Ter feito uma das crianças que moravam no lixão de Avenida Brasil certamente marcou a sua carreira. Guarda boas recordações dos bastidores da trama? Mantém contato com alguém do elenco? Gabriel Felipe - Sim, muitas recordações, tive muito Foto: Divulgação contato com o Zé de Abreu, um ator incrivelmente talentoso!!! E tenho contato com as pessoas que fizeram essa fase comigo. Revista Cenário Minas - Contou com a orientação de algum profissional para compreender mais sobre o que é o trabalho de um ator? Gabriel Felipe - Na peça Fábrica de Chocolate eu contei com ajuda da preparadora de elenco Grazi Luz que sempre me dava novos personagens e desafios. Já fiz velho, mocinho, mulher, Tarzan. Com isso eu fui aumentado o meu “arsenal” de personagens. No teatro aprendi com ela que devemos saber um pouco sobre tudo como luz, som. Graças a ela eu fiz o teste na Record. Como o nome dela diz, Grazi Luz, ela foi uma luz na minha carreira. Revista Cenário Minas - De onde e como surgiu a vontade de se tornar ator? Planeja levar essa profissão para a vida? Gabriel Felipe - Quando percebi, já estava atuando. Minha mãe me colocou aos 6 anos para fazer teatro e eu gostei muito, e até hoje estou atuando. Nessa minha carreira de 12 anos já fiz mais de 40 peças. Eu penso em levar essa carreira para minha vida e com outra formação paralelamente que ainda estou analisando. Foto: Divulgação

20 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário a história narra a vida de uma rainha religiosa que se perdeu após espalhar uma veneração aos seus súditos e abusando do poder que a foi concedido Revista Cenário Minas - Gabriel, como foi Revista Cenário Minas – Descreva, interpretar o jovem Zac, na novela O Rico e quem será o Gabriel Felipe em Jezabel Lázaro, na TV Record? Quais foram as ? cenas mais difíceis que você gravou? Gabriel Felipe – Serei o Ezri, um dos Gabriel Felipe - Foi uma experiência principais integrantes da escola de incrível, muito legal e muito emocionante! As profetas. cenas de brigas e cenas de guerras, fugir de cavalos, brigas de espadas e de arco e Revista Cenário Minas – Como é flechas. trabalhar na Record? Revista Cenário Minas - Você já fez diversas peças de teatro e algumas participações na TV. Você gosta mais de interpretar no palco ou para as câmeras?

Gabriel Felipe – “Adoro trabalhar na Record. Me sinto em família. Estou muito feliz com o personagem!”, confessou Gabriel.

Gabriel Felipe – Nos palcos gostaria de novos desafios, como personagens que nunca interpretei. E nas telinhas, um vilão ou um personagem cômico. No teatro nos falamos com as mãos e com o corpo, o muito acaba sendo pouco!

Revista Cenário Minas – Quais os seus planos profissionais para o futuro? Gabriel Felipe – Estudar sempre! Crescer na minha carreira e esperar novos personagem por vir.

Revista Cenário Minas – Como foi fazer a sua primeira viagem ao Marrocos? Revista Cenário Minas – O que gosta de fazer nas horas vagas? Gabriel Felipe – A viagem se resumiu em muita felicidade. Foi incrível a viagem... tive Gabriel Felipe – Gostos te tocar meus oportunidade de conhecer o deserto do instrumentos musicais. Pegar o violão Saara, de andar de camelo e conhecer uma ou piano e fazer um som. E também cultura diferente. A fotografia de Jezabel jogar um futebol com amigos. está incrível..., com o pôr do sol espetacular. Adorei a experiência da viagem e estou muito animado para ver logo o resultado. Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Revista Cenário Minas – Para finalizar, se pudesse passar qualquer mensagem sua para algum fã seu agora. O que teria a dizer a ele? E claro se quiser divulgar sua rede social ? Gabriel Felipe – Quero agradecer por tudo. Os fãs me motiva a correr atrás dos meus sonhos! Muito obrigado por todo carinho e dedicação pela a minha carreira agradeço as fotos e os presentes! São os fãs que fazem nosso sucesso! Obrigado a todos que me acompanham e gostam do meu trabalho. Meu instagram é @gabrieellfelipe/

Sobre Jezabel “Jezabel” será uma macrossérie com duração aproximada de 80 capítulos e tem estreia programada para março deste ano, em substituição à própria “Jesus”. Na Bíblia, Jezabel é citada como esposa de Acabe, rei de Israel, mas conhecida como uma rainha do mal, que promoveu a idolatria e matou muitos profetas. Em Jezabel: Lidi Lisboa (protagonista), Hylka Maria, Aline Prado, Mônica Carvalho, Lais Pinho, Andrea Avancini, João Pedro Novaes, Eduardo Lago, Ricardo Pavão, Luckas Moura, André Bicudo, Adriana Birolli, Juan Alba, Juliana Shalch, Flávio Galvão, Vítor Sparapane e Sthefanny Britto. Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

21 - Cenário Minas


Cenário O que você precisa saber e quase ninguém conta sobre o pós operatório em cirurgia plástica Enfa Esteta Priscila Secundino

Com o acesso facilitado e a busca cada vez mais frequente pelo corpo perfeito, o Brasil é um dos países líderes em cirurgia plástica. O que antes era o sonho de muitas meninas, hoje é facilitado por consórcios, financiamentos, e até mesmo pagamentos via boleto bancário. O que a grande maioria não sabe, é que o planejamento deve- se estender para o período de pós operatório. Falando da parte financeira: Devemos considerar que a cirurgia por si só já possui um valor elevado, e logo após a alta, a paciente deve se preparar para adquirir os medicamentos necessários (antibióticos, antiflamatórios, vitaminas, em alguns casos até anticoagulantes, tudo sob devida orientação médica), as malhas pós cirúrgicas (sutiãs, macaquinhos, talas ou espumas, meias anti-trombo, etc), material para curativos, o deslocamento para os retornos médicos e as drenagens (que variam de preço de acordo com o profissional e são de grande importância, pois pode corresponder até 30% do resultado final da sua cirurgia, e para isso deve-se contratar um profissional capacitado para realiza-la).

Foto: Divulgação

A primeira fase do pós operatório, conhecida como fase inflamatória, é o período onde se concentra a dor, é onde o corpo está se adaptando a nova condição, por isso é muito importante seguir as orientações médicas, manter repouso e evitar se expor a situações de grande esforço. Nesta fase, o corpo pode produzir Agora falando do pós operatório propriamente dito. Independente o temido seroma, que nada mais é do que o líquido produzido da cirurgia plástica, temos que considerar que o corpo está pelo nosso organismo em resposta a agressão que sofreu, é uma sofrendo uma transformação abrupta. Então o que podemos resposta ao processo inflamatório. esperar nos primeiros dias? Logo após temos a fase proliferativa, significa que entramos na fase de cicatrização. Aqui a dor já não é uma constante mas é Se está nos seus nesta fase que podemos ter o aparecimento das fibroses. A fibrose é uma cicatriz interna, é o preenchimento dos espaços planos realizar um internos, causados pela cânula, ou deixado vago pela retirada de procedimento gordura.

Enfa. Estética Priscila Secundino Enfermeira estética especialista em pós operatório e estética corporal avançada.

cirúrgico, faça um planejamento, considere possíveis intercorrências, para que o investimento seja a realização de um sonho e não se transforme em dor de cabeça.

A fibrose e o seroma são situações normais do corpo humano, que requerem observação criteriosa dos profissionais envolvidos no pós operatório. A intervenção para reverter estas condições, quando necessárias, deverá ser feita de forma responsável. Sabe-se que hoje com a tecnologia, alguns profissionais oferecem serviços de pós operatório utilizando máquinas, porém esta prática quando não realizada de forma adequada pode comprometer ou até piorar a recuperação da paciente. Se está nos seus planos realizar um procedimento cirúrgico, faça um planejamento, considere possíveis intercorrências, para que o investimento seja a realização de um sonho e não se transforme em dor de cabeça.

SAÚDE & ESTÉTICA PERSONALIZADA

Tel.: (31) 97522-1274 Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

23 - Cenário Minas


Cenário Samba Prime 8 inicia as vendas de ingressos Festival acontece no dia 25 de maio, na Esplanada do Mineirão com shows de Ferrugem, O

Samba Prime, um dos maiores festivais de samba e pagode do país, anunciou a data de início das vendas de ingressos para a sua 8º edição. O público poderá comprar a partir da próxima terça-feira, dia 12 de março, nas lojas da Central dos Eventos e também através do site: www.centraldoseventos.com.br. O evento será realizado no dia 25 de maio, sábado, a partir das 15h na Esplanada do Mineirão (Av. Antônio Abrahão Caran, 1001 – São José, Belo Horizonte), com os maiores nomes do samba e pagode do Brasil. Ferrugem, Dilsinho, Sorriso Maroto, Suel, Belo, Turma do Pagode e Thiaguinho são os artistas escalados para compor o time de atrações principais que vão animar a programação do evento. O Samba Prime caiu no gosto dos brasileiros e hoje é reconhecido como um dos mais importantes festivais segmentados de todo o país. Para a sua oitava edição, o line up não poderia ser diferente. Procurando sempre trazer os artistas mais renomados do estilo, shows inéditos e muita diversão, atendendo sem cessar os pedidos do público, as atrações foram confirmadas e prometem fazer a Esplanada do Mineirão ficar pequena para tamanha festa. Depois de uma votação online feita para a definição dos shows, os maiores nomes do pagode da atualidade estarão reunidos para encantar o público com todo o romantismo das letras que embalam as canções do gênero. Hoje, referência nacional do pagode, o cantor Ferrugem apresentará seus sucessos como “Sinto Sua Falta”, “Pra Você Acreditar”, “Pirata e Tesouro”, “É Natural” e muitas outras. Já o galã Dilsinho, apostará em suas faixas que estão no topo das paradas de sucesso. “Péssimo Negócio”, “12 Horas” e “Refém”, são algumas delas. No repertório das bandas Sorriso Maroto e Turma do Pagode com certeza não faltarão músicas como “Chave e Cadeado”, “Sinais”, “Brigas Por Nada”, “Clichê”, além de “Deixa em Off”, “A Gente Tem Tudo a Ver” e “Lancinho” que marcaram a carreira artística de cada uma delas. Pela primeira vez em Belo Horizonte como carreira solo, Suel aproveitará a energia positiva do novo momento de sua vida para relembrar os maiores sucessos emplacados nos vocais do Imaginassamba, sem deixar de apresentar ao público também seus novos projetos. Já ousadia e alegria de Thiaguinho estará estampada num show recheados de sucessos como “Ainda Bem”, “Ponto Fraco”, “Acredito No Amor” e “A Amizade É Tudo”. E o cantor Belo, em turnê de seu disco mais recente, “Mistério”, sem dúvidas, não poderá deixar de cantar as músicas mais antigas que encantam a todos como “Razão da Minha Vida”, “Perfume”, “Tudo Mudou”, “Tempo de Aprender” e muitas outras, prometendo emocionar o público no Mineirão. A venda do Samba Prime 8 começa no dia 12 de março, com direito a promoção de lançamento, que disponibilizará ao público 48 horas de valores promocionais. Os ingressos estarão disponíveis através do site www.centraldoseventos.com.br ou nas lojas da Central dos Eventos.

Serviço: Vendas de ingressos do Samba Prime 8 iniciam na próxima terça-feira, dia 12 de março Atrações: Ferrugem, Dilsinho, Sorriso Maroto, Suel, Belo, Turma do Pagode e Thiaguinho Local: Esplanada do Mineirão (Av. Antônio Abrahão Caran, 1001 – São José, Belo Horizonte) Data: 25 de maio, sábado, a partir das 15h Ingressos (valores promocionais por 48 horas): Espaço Samba: R$ 50 (bebidas vendidas a parte) Espaço Prime: R$ 120 (open bar de cerveja, vodka, energético, sucos, refrigerante e água, além de bares e banheiros exclusivos) Espaço Golden: R$ 190 (open bar de espumante, energético, vodka, cerveja, catuaba, citrus, refrigerante e água, além de de área reservada em frente ao palco e acesso ao Espaço Prime) Vendas: Central dos Eventos www.centraldoseventos.com.br Foto: Divulgação

24 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Bloco do Amor: Paulinho da Viola mostra “que o Samba não tem fronteiras” e faz apresentação marcante ao lado de sua filha Beatriz Rabello Da Redação

Show no Sesc Palladium em BH/MG trouxe grandes hits do cantor e músicas de Beatriz Rabello Cobertura: Jornalista | Matéria e Fotos: Felipe de Jesus

Paulinho da Viola, um dos maiores expoentes da Música Popular Brasileira presenteou os mineiros com uma apresentação empolgante e emocionante com grandes hits da sua carreira ao lado da cantora e sua filha Beatriz Rabello, sambista que vem seguindo os passos do pai na música. O show foi realizado no dia 22 de fevereiro, sexta, às 21h no Sesc Palladium (Av. Augusto de Lima, 420 – Centro, Belo HorizonteMG) e além dos hits do artista, músicas do excelente álbum “Bloco do Amor (2016)” de Beatriz Rabello também foram tocadas no emocionante show. Com a simpatia de sempre e educação aquém, Paulinho da Viola cantou “Amor à Natureza” do álbum “Paulinho da Viola (1975)” que foi acompanhada pelo público. “Relíquia do folclore nacional. Jóia rara que apresento. Nesta paisagem em que me vejo. No centro da paixão e do tormento. Sem nenhuma ilusão. Neste cenário de tristeza. Relembro momentos de real bravura. Dos que lutaram com ardor. Em nome do amor à natureza. Cinzentas nuvens de fumaça. Umedecendo meus olhos. De aflição e de cansaço. Imensos blocos de concreto. Ocupando todos os espaços. Daquela que já foi a mais bela cidade”. Dando sequência ao show, Paulinho da Viola convidou sua filha Beatriz Rabello para cantar “Solidão” (parceria com a artista plástica Maria Vasco) e que faz parte do álbum “Bloco do Amor (2016)” de Beatriz Rabello.

26 - Cenário Minas

Não é atoa que seu nome ficou marcado como Paulinho “da Viola”. Com “Recomeçar”, mais um grande sucesso da sua carreira do álbum “Zumbido (1979)”, Paulinho da Viola chamou Beatriz Rabello para o palco para acompanha-lo. A letra também traz um refrão bastante conhecido pelos apaixonados por Samba. “Recomeçar. Do que restou de uma paixão. Voltar de novo à mesma dor sem razão. Guardar no peito a mágoa sem reclamar. Acreditar no Sol da nova manhã. Dizer adeus e renunciar. Vestir a capa de cobrir solidão. Para poder chorar. Somente o tempo faz a gente lembrar. O sofrimento que não quis Com “Pecado Capital”, clássico da sua carreira do perdoar. E todo o mal reprimido”. álbum “Paulinho da Viola (1975)”, Paulinho da Viola mais uma vez foi acompanhado pelo público. Além Samba de raiz e muito “bis” do grande sucesso nas rádios, a música também estampou o folhetim da TV. “Dinheiro na mão é Com “Foi Um Rio que Passou em Minha Vida”, do vendaval. É vendaval. Na vida de um sonhador. De álbum que também leva o mesmo nome de 1970, um sonhador. Quanta gente aí se engana. E cai da Paulinho da Viola contou sobre o sucesso da cama. Com toda a ilusão que sonhou. E a grandeza música e aplaudido pelo público, ele cantou o se desfaz. Quando a solidão é mais. Alguém já grande hit. “Se um dia meu coração for falou. Mas é preciso viver. E viver não é brincadeira consultado. Para saber se andou errado Será não. Quando o jeito é se virar. Cada um trata de si. difícil negar. Meu coração tem mania de amor. Irmão desconhece irmão. E aí dinheiro na mão é Amor não é fácil de achar”. Já esperado, o público vendaval. Dinheiro na mão é solução. E solidão”. pediu bis e foi atendido pelo mestre do Samba Paulinho da Viola e pela nova sambista Beatriz Com “Eu Canto Samba”, do álbum que leva o Rabello. Com a música “O Galou Cantou” (Clara mesmo nome de 1989, Paulinho da Viola mais uma Nunes), eles voltaram ao palco em grande estilo. vez empolgou o público com seu cavaquinho. E com “Argumento” também do álbum “Paulinho da Viola (1975)”, o cantor e sua filha Beatriz Não é atoa que seu nome ficou marcado como Rabello deram o tom para despedir em grande Paulinho “da Viola”. Com “Recomeçar”, mais um estilo do Sesc Palladium. Com marchinhas grande sucesso da sua carreira do álbum “Zumbido conhecidas do Carnaval eles fecharam a (1979)”, Paulinho da Viola chamou Beatriz Rabello apresentação levantando o público literalmente para o palco para acompanha-lo. das cadeiras. “Solidão só tem quem merece/ ter o tempo ao seu dispor/ poder contar as estrelas/ escorrer das mãos os grãos do amor”. Em seguida ele cantou “A Dança da Solidão”, do disco “A Dança da Solidão (1972)”, música também bastante conhecida na voz de Marisa Monte. Mais um grande sucesso da carreira que foi acompanhado pelo público. “Solidão é lava que cobre tudo. Amargura em minha boca. Sorri seus dentes de chumbo. Solidão palavra cavada no coração. Resignado e mudo. No compasso da desilusão. Desilusão, desilusão. Danço eu dança você. Na dança da solidão

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Espetáculo: Cirque Du Soleil estreiou encantando Belo Horizonte-MG

Após BH, o espetáculo “OVO” segue para o Rio de Janeiro (21 a 31 de março), Brasília (05 a 13 de abril) e, por fim, São Paulo (19 de abril a 12 de maio) Revista Cenário Minas – Jornalista | Editor: Felipe de Jesus @felipe_jesusjornalista - Fotos: Daniel Stone @daniel_mm2

A expectativa acabou. Finalmente o espetáculo OVO, do Cirque du

Primeira montagem de arena da companhia canadense no país – as anteriores foram os chamados shows de tenda –, Ovo é o mais brasileiro dos espetáculos do Cirque. Deborah Colker criou, dirigiu e coreografou os números – é a primeira mulher a dirigir a trupe fundada em 1984, em Montreal, por Guy Laliberté.

Soleil, passou por BH. Para tornar tudo ainda mais especial, a primeira parada foi justamente em Belo Horizonte. O público mineiro teve a oportunidade de acompanhar de perto a magia das cores, o contorcionismo impressionante e as acrobacias de tirar o fôlego do show dirigido pela brasileira Deborah Colker, primeira mulher no comando de um show da companhia. A mensagem inclusiva é clara no espetáculo. “Um inseto estrangeiro que chega nessa comunidade com um ovo Quem esteve no Mineirinho, pôde vivenciar uma apresentação gigante representa o imigrante, o excluído, o diferente, aquele vibrante que mostrou uma viagem por um ecossistema repleto de q u e n ã o é a c e i t o ” . M a n t i d o e m p o r t u g u ê s , vida, em uma produção amplamente inspirada na cultura brasileira. independentemente de onde o espetáculo esteja em cartaz, o Momento para ficar na memória. título demorou a ser aceito pela cia., que entenderam que poderiam fazer grafismos com a palavra.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

27 - Cenário Minas


Cenário Coming Back:"Jonas Brothers" volta ao cenário com "Sucker" novo e ótimo hit

Foto: Divulgação

Após 6 anos irmãos confirmam retorno e animam fãs; Banda deve lançar novo álbum e sair em turnê em 2019 Turnê

Jornalista - Por: Felipe de Jesus | Resenha Musical Fotos: @jonasbrothers

Já gostava do trabalho solo do cantor e

O desejo dos fãs, tanto do Brasil quanto do mundo, é que que "Sucker" venha a se tornar a primeira faixa do novo álbum, já que a canção mantém o "swing pop" dos álbuns da carreira.

compositor "Joe Jonas" no grupo "DNCE", principalmente por causa da música "TV In The Morning" do álbum "People to People (2018)", que traz uma mistura "Pop/Jazz" de qualidade. No entanto, por curiosidade e também por conhecer muito pouco o trabalho dos irmãos "Kevin Jonas, Joe Jonas e Nick Jonas" comprei dois álbuns (físicos) do "Jonas Brothers" que são: "A Little Bit Longer e o "Lines, Vines and Trying Times". Não minto, gostei demais dos dois álbuns e escuto sempre pelos "canais digitais" e em casa pelo meu CD Player. Da mesma forma que questionei o fim do grupo "One Direction", que fez "Made in the A.M. (2015)" um álbum #incrível e se despediu dos fãs e dos palcos do nada, questionei o fim dos irmãos "Jonas" que são talentosicissimos. A nova música intitulada por "Sucker" lançada recentemente e que poderá ser o nome do novo álbum, mostra que o retorno dos irmãos após 6 anos vai muito além de uma questão comercial, mas uma paixão pela música, já que em minha opinião eles surfam entre o "Pop e Rock" muito bem.

28 - Cenário Minas

Tomara que eles venham ao Brasil, já que segundo informações, a banda prepara uma turnê ainda em 2019.

Foto: Divulgação

Aliás, poucos grupos que seguem o rótulo dado pela "mídia mundial" de "Boy Band" conseguiram vender e fazer um trabalho tão expressivo, como, o "Jonas Brothers".

Jonas Brothers é um grupo estadunidense de pop rock formado pelos irmãos Kevin Jonas, Joe Jonas e Nick Jonas.

Pelo o que vejo, público é o que não faltará para prestigiar os irmãos, já que a notícia da "nova música" mexeu com todos os fãs nas "Redes Sociais".

Retorno na medida A volta do "Jonas Brothers" em minha opinião reforça o que um trecho da nova música diz: "Nós combinamos mais do que uma farinha do mesmo saco". É verdade, eles fazem um som #incrivel juntos.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Grupo Pixote é primeira atração confirmada para o Aniversário do Dome Lounge Bar A festa em comemoração aos dois anos de existência do bar acontece no dia 13 de abril, a partir das 16h, com um line up de três atrações nacionais ainda não divulgadas No dia 13 de abril a balada que conquistou os mineiros, transformando o bairro Caiçara no point garantido de entretenimento em Belo Horizonte, comemora seu aniversário, mas quem ganha a festa é o público. Faltando poucos meses para o evento de celebração aos dois anos de existência do Dome Lounge Bar, os idealizadores prometem refletir a proposta de sucesso oferecida aos seus clientes em grande estilo, misturando todas as emoções vividas em uma noite única, com direito a um mega line up de três atrações nacionais para fazer a festa. A primeira confirmada foi o grupo Pixote. Com mais de 27 anos de carreira, a banda conquistou o país com o romantismo emplacado nos sucessos de suas canções como "Insegurança", "Mande um sinal", "Fissura" e muitas outras. Formado por Dodô, Tiola, Thiaguinho e Du, o grupo é considerado um dos maiores destaques do pagode brasileiro nos últimos anos. E para o aniversário do Dome, não seria diferente. Pixote apresentará um repertório que traz toda a animação e irreverência da banda num mix de canções que marcaram época e estão na boca do povo, prometendo não deixar ninguém parado. Além de Pixote, a programação do Aniversário de 2 anos do Dome Lounge Bar contará com mais outros dois grandes artistas divulgados em breve. O local do evento também não foi confirmado ainda, mas, assim como no empreendimento, a produção garante uma festa com grandes diferenciais de estrutura, afim de oferecer organização, segurança e conforto ao público. Os ingressos começarão a ser vendidos no dia 20 de fevereiro nas lojas físicas da Central dos Eventos ou através do sitewww.centraldoseventos.com.br.

Sobre o Dome Lounge Bar O Dome é lugar que melhor traduz o ecletismo da cidade: samba, pop-rock, forró, sertanejo, MPB e os ritmos mais atuais se encontram pelas esquinas e convivem oferecendo ao público uma gama variada de entretenimento noturno. A caminho da Lagoa da Pampulha, porta de entrada do bairro Caiçara, toda essa pluralidade se encontra num só espaço. Há 02 anos atrás, a casa nasceu com a proposta de misturar experiências e fugir do tradicional. No happy hour os clientes podem apreciar de cerveja

Serviço: Aniversário 2 anos do Dome Lounge Bar Atrações: Pixote + duas atrações ainda não confirmadas Data: Sábado, dia 13 de abril Horário: a partir das 16h Ingressos: Inicio das vendas dia 20 de fevereiro Vendas: Central dos Eventos Ou site www.centraldoseventos.com.br Classificação indicativa: 16 anos

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

29 - Cenário Minas


Cenário Turismo pedagógico: Santuário do Caraça é sala de aula a céu aberto

Foto: Divulgação

Complexo recebe estudantes de todo o país, do ensino fundamental ao superior, para aulas de Ciências, História, Biologia, Geografia, estudos práticos na área de Matemática, Botânica, Ecologia, Engenharia Ambiental, Fotografia, Arquitetura, entre outras

Situado a cerca de 120 Km de Belo Horizonte, entre os municípios de Catas Altas e Santa Bárbara, o Santuário do Caraça é conhecido no Brasil e no mundo pelas suas belezas naturais e pela riqueza histórica do local, onde já estudaram até ex-Presidentes do Brasil. E a vocação educacional do complexo é comprovada pela alta procura de escolas para levar estudantes, do ensino fundamental ao superior, ao local, para vivenciar na prática o que é aprendido em sala de aula. O Complexo Santuário do Caraça é centro de peregrinação católica e especialmente da Família Vicentina, polo de cultura e turismo. Da área total do complexo (12.475,45 hectares), são Reserva Particular do Patrimônio Natural 10.187,89 hectares com objetivos de preservação ambiental e de produção de conhecimento científico. Agências de viagens especializadas operam com roteiros exclusivos de instituições de ensino para o Santuário do Caraça. A Turismo Educacional, de Belo Horizonte, é uma das empresas que levam estudantes para o complexo. “Estamos trabalhando com o Santuário há quase 10 anos e temos demanda interessante de escolas e faculdades, principalmente com estudantes do ensino fundamental, para aulas de Ciências, História, Biologia e Geografia, e do ensino superior, sobretudo nos cursos de Engenharia Ambiental, Geologia, Geografia, Direito Ambiental e muitos outros”, como informa Alessandro Martins, gerente operacional da empresa, que, só em 2018, levou cerca de 500 alunos ao Caraça.

30 - Cenário Minas

A hora do lobo A tradição de aguardar a visita do lobo todos os dias à noite começou no Caraça em maio de 1982, quando algumas lixeiras começaram a aparecer derrubadas e reviradas. Num primeiro momento pensou-se que isto poderia ser causado por cachorros. Começou-se a observar e se descobriu que o grande cachorro que revirava as lixeiras do Santuário era na verdade o Chrysocyon brachyurus, que quer dizer “animal dourado de cauda curta”. É chamado Guará porque em tupiguarani, na língua dos indígenas, guará significa “vermelho”. Desde então, começaram a colocar bandejas de carne nos dois portões da frente da casa e aos poucos os lobos se aproximaram da escada da igreja. Hoje, a bandeja é colocada no adro da igreja, onde têm ido comer, além do lobo-guará, cachorros-do-mato e uma anta. A prática de alimentar esses animais ali na Casa só persiste até os dias atuais porque o seu hábito de caça não foi comprometido. Por este motivo o lobo-guará não tem hora de aparecer. O tempo de espera da aparição do animal é conhecido como “hora do lobo”, a partir das 18h30. Enquanto o lobo não vem, o Caraça proporciona aos hóspedes um tempo da informação, a educação ambiental.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário A Reserva Particular do Patrimônio Natural do Santuário do Caraça faz parte de duas importantes reservas ecológicas, as Reservas da Biosfera da Serra do Espinhaço Sul e a da Mata Atlântica Fonte de conhecimento O Caraça é uma estrutura cultural em constante formação. Começou por volta de 1770, quando o Irmão Lourenço de Nossa Senhora iniciou a construção do hospício, como então era chamada a hospedaria para acolher peregrinos, e uma ermida – capela barroca, dedicada a Nossa Senhora Mãe dos Homens. Posteriormente, a instituição transformou-se em colégio e seminário. Atualmente o lugar mantém a sua essência, proporcionando às pessoas a chance de interagir com sua história. O complexo é tombado como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e Estadual. Foi escolhido como uma das 7 Maravilhas da Estrada Real. Conta com um amplo Conjunto Arquitetônico onde estão a primeira igreja de estilo neogótico do Brasil, o prédio do antigo colégio (hoje museu e biblioteca), o hotel com 54 apartamentos, com capacidade para até 230 pessoas hospedadas, e a Fazenda do Engenho, com 26 apartamentos.

Biblioteca A Biblioteca hoje está instalada no prédio onde funcionava o célebre Colégio, que hoje abriga também o Museu, o Arquivo e um Centro de Convenções

O Complexo do Caraça possui enorme diversidade Museu de fauna e flora, com raridades de animais e plantas no meio ambiente. Na ampla diversidade de sua fauna, há 386 espécies de aves, 42 O museu, montado a partir de mobiliário e artefatos diversos de uso diário, espécies de répteis, 12 espécies de peixes e 76 pertencentes ao próprio Caraça e com algumas peças remanescentes de séculos passados, constitui um interessante lugar de visitação, diariamente procurado espécies de mamíferos. pelos hóspedes e visitantes, através de percursos guiados pelos monitores ou por A Reserva Particular do Patrimônio Natural do conta própria. Santuário do Caraça faz parte de duas importantes Igreja Neogótica reservas ecológicas, as Reservas da Biosfera da Serra do Espinhaço Sul e a da Mata Atlântica, onde há diversas espécies de flora e fauna, algumas O Santuário do Caraça é a primeira igreja neogótica do Brasil, construída sem encontradas somente no Complexo do Santuário mão-de-obra escrava e toda com material regional: pedra-sabão (retirada de perto do Caraça, que fica na transição entre Mata da Cascatona), mármore (das proximidades de Mariana e Itabirito, Gandarela) e Atlântica e Cerrado, onde também há campos quartzito (da região do Caraça e vizinhanças), unidas com produtos de base de cal, rupestres. Em suas Serras há nascentes, ribeirões pó de pedra e óleo. e lagos que possuem águas de coloração escura, que carreiam material orgânico em suspensão. Trilhas Seu solo é rico em minérios, explorados nos séculos anteriores, e com grande concentração de quartzito ou rocha metamórfica. Desde 2011, passou a ser preservado contra exploração comercial. O clima tem baixas temperaturas e elevada umidade do ar, comuns em ambientes de mata. O território do Complexo do Caraça integra a Área de Proteção Ambiental ao Sul da Região Metropolitana de BH, onde começam duas grandes bacias hidrográficas, a do rio São Francisco e a do rio Doce, que abastecem aproximadamente 70% da população de Belo Horizonte e 50% da população de sua região metropolitana.

Por meio de trilhas seguras e de trajetos mais ou menos longos e bem sinalizados, é possível ter acesso a diversas atrações naturais e contato direto com a biodiversidade local.

Santuário do Caraça Local: Estrada do Caraça, Km 9 – Entre os municípios de Barão de Cocais, Catas Altas e Santa Bárbara – CEP 35960-000 Fácil acesso pelas rodovias BR 381 e MG 436, além do cômodo acesso por trem (Estação Dois Irmãos – Barão de Cocais/MG) Horário para visitação: Todos os dias, das 8h às 17h Taxa de entrada: a partir de R$ 12,00 (em dias de semana) Mais informações: Site com opções de hospedagens: www.santuariodocaraca.com.br Instagram: @santuariodocaraca Facebook: www.facebook.com/complexosantuariocaraca/ Reservas: centraldereservas@santuariodocaraca.com.br Sugestão de agência de viagens especializada no turismo pedagógico: Turismo Educacional – www.turismoeducacional.com.br

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

31 - Cenário Minas


Cenário Cazuza: Álbum "Burguesia" completa 30 anos mostrando que o Brasil ainda precisa de muitas mudanças Jornalista *Felipe de Jesus

A música brasileira nos anos de 1980 revelou grandes bandas, como, Legião Urbana, Ultraje a Rigor, Capital Inicial, Paralamas do Sucesso, Nenhum de Nós, Plebe Rude, Engenheiros do Hawaii e etc. No entanto, nenhum desses grupos teve uma presença tão marcante na história da música quanto o cantor e compositor "Cazuza" que fez história no "Barão Vermelho" e uma carreira solo brilhante com cinco discos de estúdio e um ao vivo. Prova disso, é que mesmo depois de sua partida, Cazuza continua se mantendo cada vez mais atual no cotidiano brasileiro e seu álbum "Burguesia (1989)" que completou 30 anos de história é o retrato "fiel" de um país que pouco mudou de lá para cá. O disco foi o último gravado por Cazuza e vendeu 250 mil cópias dando ao cantor o Prêmio Sharp póstumo de melhor canção com "Cobaias de Deus". Com letras mais sociais e ligadas as questões cotidianas do país, "Burguesia (1989)", foi gravado durante um período complicado da carreira de Cazuza, já que ele já se encontrava com poucas forças e já tomado pela AIDS. Mesmo com pouca energia até para ficar de pé, ele fez questão de estar todos os dias no estúdio para dar vida ao álbum que traz parcerias com nomes importantes da música, como, Frejat, Angela RoRô, Arnaldo Antunes, Rita Lee e demais artistas. O álbum traz 20 faixas e algumas relíquias, como, a faixa "Burguesia" que faz uma análise perfeita sobre a chamada "Classe A", que em sua visão na "época", não se preocupava com o seu próximo e mais olhava para o próprio umbigo. "A burguesia fede. A burguesia quer ficar rica. Enquanto houver burguesia. Não vai haver poesia. A burguesia não tem charme nem é discreta.

"Burguesia", "Perto do Fogo", "Mulher sem Razão", "Filho Único", "Quase um Segundo" e "Como Já Dizia Djavan" são alguns dos hits

Com suas perucas de cabelos de boneca. A burguesia quer ser sócia do Country. A burguesia quer ir a New York fazer compras. Pobre de mim que vim do seio da burguesia. Sou rico mas não sou mesquinho. Eu também cheiro mal. Eu também cheiro mal" Em seguida "Burguesia (1989)" traz "Nabucodonosor". A letra também tem um teor mais forte e mostra que Cazuza estava mais ligado a sua família. "Nabuco foi um cara. Conheci no enterro. Que tinha um cavalo. Um cavalo chamado Agenor. Um cavalo chamado Agenor. Nabuco era matuto. Elegante e astuto. Assim como eu sou. E era também meu avô. E era também meu avô. Nabuco já morreu. Foi para o exterior. E hoje em dia sou eu. O anjo e o sedutor. O anjo e o sedutor". Com "Tudo é Amor" ele mantém a linha e mostra mais uma vez o seu olhar. "Um homem pode se afobar. E pegar o caminho errado. Homem que é homem volta atrás. Mas não se arrepende de nada. Sabe que a vida é pra lutar. Contra um dragão invisível. Na canção "Garota de Bauru", Cazuza consegue nos transportar Que mata os sonhos mais banais. Que acha que é tudo para o imaginário. Uma letra suave e ao mesmo tempo provocativa. "Eu conheci uma garota em Bauru. Quinze anos de impossível. Um homem que veio do pó. vida e cinco de rebu. Na lanchonete principal era a rainha. Com É o que transforma o pó em ouro. Um homem foi criado só. Mas suas minissaias sem bainha. Os pais choravam. Os irmãos vive em função do outro. Na natureza onde ele é rei. No universo ameaçavam. E ela nem aí, maravilhosa. Gostosa em sua onde não é nada. Na incerteza e no prazer. Na ilusão de ser vulgaridade. Feliz com sua sinceridade. A garota de Bauru. Não é um sanduíche. A garota de Bauru. A garota de Bauru. Não é um amado". sanduíche. A garota de Bauru. Não é um personagem triste".

32 - Cenário Minas

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br


Cenário Com letras mais sociais e ligadas as questões cotidianas do país, "Burguesia (1989)", foi gravado durante um período complicado da carreira de Cazuza Na canção "Garota de Bauru", Cazuza consegue nos transportar para o imaginário. Uma letra suave e ao mesmo tempo provocativa. "Eu conheci uma garota em Bauru. Quinze anos de vida e cinco de rebu. Na lanchonete principal era a rainha. Com suas minissaias sem bainha. Os pais choravam. Os irmãos ameaçavam. E ela nem aí, maravilhosa. Gostosa em sua vulgaridade. Feliz com sua sinceridade. A garota de Bauru. Não é um sanduíche. A garota de Bauru. A garota de Bauru. Não é um sanduíche. A garota de Bauru. Não é um personagem triste". Com a canção "Eu Agradeço", Cazuza mais uma vez mostra os traços do poeta consciente. "Eu, eu agradeço, Senhor. Eu, eu agradeço, Senhor. Pois me criei. Esta criança que ei sempre hei de ser. Por outros seres e desejos. Vivos nas estrelas. Por ser um rei. E não ter que governar a vida. Agradeço por ter desobedecido. Por ter cuspido no teu altar sagrado. E por saber que nunca vou ter fé. E vou rir só com um canto da boca. Eu, eu agradeço, Senhor. Eu, eu agradeço, Senhor. Meu coração vai filtrar todo o ódio. Como um fígado. E vencer o ódio". Já com "Eu Quero Alguém", "Babylonest" e "Como Já Dizia Djavan", ele leva o álbum "Burguesia (1989)" na mesma sintonia e chega em "Perto do Fogo", canção escrita por ele e por Rita Lee, que também foi gravada pela rainha do Rock em seu disco "Rita Lee (1990)". A letra é estoteante e bem forte. Na verdade quase um prelúdio dos tempos atuais, já que a música fala do ano 2020. "Perto do fogo. Como faziam os hippies. Perto do fogo. Como na Idade Média. Eu quero queimar minha erva. Eu quero tá perto do fogo. Quando tudo explodir. Mas não vai explodir nada. Vão ficar os homens se olhando. Dizendo: "O momento está chegando". 2000, é ano 2000. E não vai mudar nada. E não vai mudar nada".

Com "Cobaias de Deus" e "Mulher sem Razão", Cazuza ainda demonstra sua poesia e chega em "Quase um Segundo", música de Herbert Viana (no Paralamas do Sucesso). Na música Cazuza mostra que o romântismo também fazia parte de seu vasto repertório. Na canção ele traz toda a sua interpretação e não se afasta muito da versão original. "Eu queria ver no escuro do mundo. Aonde está o que você quer. Pra me transformar no que te agrada. No que me faça ver. Quais são as cores e as coisas pra te prender. Eu tive um sonho ruim e acordei chorando. Por isso eu te liguei. Será que você ainda pensa em mim? Será que você ainda pensa? Ás vezes te odeio por quase um segundo. Depois te amo mais. Teus pêlos, teu gosto, teu rosto, tudo. Tudo que não me deixa em paz". O álbum ainda traz as magníficas "Filho Único", "Preconceito", "Esse Cara (de Caetano Veloso)", "Azul e Amarelo", "Cartão Postal", "Manhatã", "Bruma" e fecha incrivelmente com "Quando eu Estiver Cantando".

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

Avaliação Falar de Cazuza é satisfatório e ao mesmo tempo muito gratificante, pois conheci a sua obra musical na juventude e dali para frente me encantei com todos os seus discos e letras. "Burguesia (1989)" é o melhor retrato que temos de um país que realmente pouco mudou de lá para cá, seja na política quanto no cotidiano | social e mostra que ainda temos muito o que aprender. Entre as faixas que gosto e indico deixo: "Burguesia", "Quase um Segundo", "Como Já Dizia Djavan", "Perto do Fogo", "Filho Único" e "Mulher sem Razão", que magistralmente foi gravada no final dos anos de 1990 por Adriana Calcanhoto. Avalio com cinco estrelas (máxima), pois mesmo sendo um álbum com vocal menos expressivo, mostra toda a força de vontade de Cazuza em deixar uma obra eterna e que nos faz pensar sobre nossas vidas e os rumos que o Brasil ainda pode tomar. Vale a pena escutar o álbum "Burguesia (1989)" disponível em vinil (duplo), CD, Deezer e Spotify. Até a próxima Crítica Musical.

33 - Cenário Minas


Cenário

Seminário de Homeopatia reúne conselhos profissionais em Brasília Seminário de Homeopatia e Educação aconteceu no Senado Federal Redação Cenário Minas

As

ideias centrais foram expandir os saberes homeopáticos para todas as áreas do conhecimento, além de reforçar a prática como política pública de prevenção em saúde. E, assim, foi o contexto central do 1º Seminário “Homeopatia e Educação”, realizado no dia 15 de fevereiro, no Senado Federal, em Brasília. Coordenado pela presidente do Instituto Tecnológico Hahnemann, Eliete MM Fagundes, o evento contou com a contribuição de representantes de conselhos profissionais (federal e regional), gestores públicos dos ministérios e secretarias do poder público. Segundo Eliete, houve unanimidade entre os participantes sobre a necessidade do aumento da oferta de cursos de Homeopatia para os profissionais da saúde, tanto quanto o reconhecimento da demanda de ampliar a oferta das “Práticas Integrativas e Complementares” (PICs) para a população.

www.carroemdia.com.br

Durante o encontro, temas sobre a melhoria da qualidade da educação e a manutenção da disposição de cursos também entraram na pauta. Fagundes reforçou a importância da manutenção das leis que regulamentam a prática da Homeopatia e falou sobre os princípios e a filosofia. “As leis naturais universais devem ser respeitadas, para que o tratamento mantenha o resultado rápido, suave e permanente, como preconiza o seu fundador. A verdadeira Homeopatia Hahnemanniana deve ser preservada pela educação homeopática que os conselhos forem implementar, sem deixar que modismos externos os influenciem”, finaliza Eliete.

Serviço: Instituto Tecnológico Hahnemann – www.homeopatias.com

UM CLUBE PARA APAIXONADOS POR CARROS!

o primeiro mês

é grátis

CADASTRE-SE

E aproveite os descontos...

‘Minas ao Luar’ inicia temporada 2019 em Pompéu

Redação Cenário Minas

A programação cultural de Minas Gerais vai ficar ainda melhor a partir deste mês. É que o Sesc acaba de anunciar a temporada 2019 de um dos maiores e mais tradicionais projetos de valorização da música brasileira, o Minas ao Luar. A retomada, no período em que a iniciativa completa 25 anos de existência, será em Pompéu, na região central do estado, em 30 de março (sábado) e integra as comemorações de 80 anos do município. As atrações escaladas para realização de um grande show são o Trio Forrozão, um dos precursores em todo o Brasil do movimento chamado ‘forró universitário’ e a banda Conexsom Brasil, muito conhecida por sua versatilidade artística e repertório eclético. A atração, gratuita, começa às 21h, no cruzamento entre a rua Inácio Cordeiro com a rua Messias Jacob e conta com apoio da prefeitura local. SERVIÇO Minas ao Luar nos 80 anos de Pompéu Data: 30/3/2019 (sábado) Atrações: Trio Forrozão e Banda Conexsom Brasil Hora: a partir das 21h - Local: cruzamento entre a rua Inácio Cordeiro e a rua Messias Jacob - Entrada gratuita Confirme presença no evento pelo Facebook aqui e convide seus amigos!

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

35 - Cenário Minas


Cenário É MAIS QUE UM AEROPORTO É A SUA MAIS NOVA OPÇÃO DE COMPRASE LAZER.

www.bh-airport.com.br

+ Gastronomia + Conveniência + Compras + Lazer + Serviços O Aeroporto Internacional de BH está se transformando no seu mais novo ponto de encontro. São lojas de grandes marcas, várias opções de gastronomia, conveniência e serviços.

Venha se surpreender.


Cenário Backer é a melhor cervejaria do Brasil Redação Cenário Minas

Já virou tradição. Chega o Concurso Brasileiro de Cervejas em Blumenau e a Backer sempre fatura relevantes medalhas. Mas dessa vez foi especial. Além de faturar seis medalhas com suas cervejas, a Backer foi consagrada como a melhor cervejaria do Brasil na categoria grande porte. Desde 1998, a marca vem traçando sua trajetória no mercado nacional sempre na vanguarda com ousadia, excelência e muito, mas muito trabalho e dedicação. A Backer ainda faturou ouro com a Buick 49 na categoria Other Strong Ale or Lager; e prata com os rótulos para a Julieta, na categoria Belgian-Style Fruit Beer; para a Reserva Cherry, na categoria Wood- and Barrel-Aged Pale to Amber Beer. Foram ainda três bronzes: Cabral, na categoria British-Style Barley Wine Ale; Bernardynskie, na categoria Historical Beer; e Reserva do Proprietário 2015, na categoria Wood-and Barrel-Aged Sour Beer. Dessas, a Reserva Cherry, Buick 49 e Bernardynskie são lançamentos. A marca levou 13 novas cervejas sazonais para Santa Catarina em 2019. A Backer sempre voltou de Blumenau com prêmios importantes, mas dessa vez a emoção foi demais. Segundo Paula Lebbos, diretora de marketing da Cervejaria Backer, ser eleita a melhor do país traz uma sensação indescritível. "Essa conquista pra nós foi diferente. Cada medalha a gente comemora bastante, mas essa foi demais. Participamos do Festival desde seu primeiros passos, quando havia apenas trinta participantes. Não ocupava meio pavilhão. Agora já são dois galpões repletos de cervejarias com muita qualidade, que a cada ano enviam amostras de seus rótulos cada vez mais qualificadas. Ser eleita a melhor cervejaria nesse contexto de evolução permanente da nossa concorrência é gratificante. Eu nem acreditei quando fomos chamados para receber o prêmio como a melhor cervejaria do país. Foi uma grande emoção que nem coube em meu coração. Vamos fazer uma programação especial para celebrar esse prêmio em 2019", comenta Paula. Sobre como a Backer conseguiu esse êxito, Paula Lebbos diz que esse sucesso deve ser atribuído a toda equipe. "O sucesso depende de muitas pessoas. Ninguém consegue um prêmio como esse sozinho. Temos hoje uma família e todos os que estão envolvidos com a marca Backer são apaixonados pelo que fazem. É uma alegria participar dessa família. Estamos juntos a cada problema, a cada desafio, mas também nas grandes conquistas e nas premiações. Ela já planeja o futuro, agora celebrando os próximos passos. "Vem muita novidade por ai. Trouxemos treze novos rótulos para Blumenau. São cervejas sazonais que já estão disponíveis no mercado", revela Paula. Paula Lebbos também aproveita para celebrar o momento do mercado em Minas Gerais. "Mais uma vez as cervejarias mineiras brilharam em Blumenau. Algumas marcas ganharam várias medalhas. Cervejarias menores, algumas que eu nem conhecia, faturaram prêmios relevantes. Quem ganha com isso é nosso estado. Esse setor nosso tem que ser valorizado. Além da nossa rica cultura gastronômica, cachaças, pão de queijo, queijo e cafés, o momento cervejeiro é maravilhoso", celebra.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

credito_danielzimmermann Cervejaria mineira foi consagrada no Concurso Brasileiro de Cervejas em Blumenau

Sobre as premiadas: Sobre a Reserva Cherry: Feita a partir de blend harmonioso de cervejas com perfil maltado rico e adição de cerejas frescas em barris de carvalho que continham previamente Bourbon. O resultado é uma cerveja com notas maltadas intensas, toques de baunilha, amêndoas, vinho do Porto e Jerez. As notas frutadas de cereja ficam mais evidentes no aftertaste e complementam essa cerveja de muita personalidade e 8% de teor alcoólico. Será lançada em garrafas de 600 ml. Estilo: Wood and Barrel Aged XX Beer; Coloração: Cobre com reflexos rubis; Teor alcoólico: 8%; IBU: 27; Temperatura ideal: 10 a 13ºC; Copo ideal: Snifter, Tulipa. Já a Buick 49 é originalmente uma English Barleywine que passou por um processo de congelamento para concentração de álcool, corpo e demais características da cerveja de origem. Licorosa e com maturação de 12 meses leva no nome uma homenagem a um dos carros antigos da coleção particular da cervejaria. Extremamente maltada e com agradável calor alcoólico possui ainda notas frutadas remetendo a ameixa e uva passas. Seu teor alcoólico elevado (17%) a tornam ideal para acompanhar sobremesas e dias frios. Estilo: Strong Ale/ Experimental Beer; Coloração: Avermelhada; Teor alcoólico: 17%; IBU: 88; Temperatura ideal: 10 a 13ºC; Copo ideal: Snifter, Tulipa. E a Bernardyńskie (Ber-nar-dinh-skii) é uma inspiração de uma extinta receita Prussiana do século XIX, da cidade de Grodzisk Wielkopolski. Seu nome vem de São Bernardo, o santo patrono dos cervejeiros. Leva malte de trigo defumado em carvalho, centeio e diferentes tipos de maltes de cevada e é fabricada com lúpulos Poloneses selecionados especialmente para essa receita. Uma ale leve, complexa e equilibrada com sutis notas defumadas, intensa acidez leve e um aroma final de frutas vermelhas advindas dos lúpulos utilizados. Estilo: Historical Beer; Coloração: Cobre; Teor alcoólico: 4.9%; IBU: 18; Temperatura ideal: 4 a 6ºC; Copo ideal: Tulipa.

37 - Cenário Minas


Cenário Cerveja Loba WheatWine fatura ouro no Concurso Brasileiro de Cervejas em Blumenau

Daniel Mansur

Redação Cenário Minas

A cervejaria Loba amplia sua coleção de medalhas com mais um ouro conquistado no Concurso Brasileiro de Cervejas, o mais importante do Brasil, realizado em março em Blumenau, Santa Catarina. A cerveja Loba WheatWine ficou em primeiro no pódio em 2019 em seu respectivo estilo, American-Style Wheat Wine Ale. Em 2018, esse rótulo já tinha faturado a prata no mesmo evento e foi eleita a melhor de seu estilo no país. Agora veio a consagração máxima. Um orgulho para a marca do interior de Minas que não para de crescer. Cerveja de rica textura, com significativo sabor de grãos, pão e com um corpo elegante e limpo, de álcool elevado, para ser sorvida, isto é, ingerindo a cerveja lentamente, em pequenos e espaçados goles. A ênfase está, em primeiro lugar, nos sabores de pão e trigo, com interessante complexidade, devido ao malte, o lúpulo, as características frutadas da levedura e a complexidade do álcool (ABV:11%). A WheatWine já foi eleita a melhor do Brasil (medalha de prata) no concurso Brasileiro (Blumenau).

Segundo Kelvin Azevedo, mestre-cervejeiro da Loba:"os prêmios e reconhecimentos das nossas cervejas significam que estamos no caminho certo em nossas produções e projetos. Nos dá certeza também de que nossos clientes estão recebendo produtos de qualidade reconhecida por terceiros e aferidas por nós. No caso específico da nossa Wheatwine que pela terceira vez participa de um concurso e é premiada, ficamos felizes por ser tratar de estilos de nossa linha maltada", comemora. A Cervejaria Loba está instalada em uma área de cinco mil metros quadrados, dentro de uma fazenda na cidade de Santana dos Montes. Possui hoje 19 rótulos e entre suas receitas estão as premiadas Loba WheatWine, que conquistou a medalha de prata no Concurso Brasileiro de cervejas 2018 e a Vienna Lager, que conquistou o bronze no mesmo concurso. E ainda, a Strong Scotch Ale, medalhista no Concurso Brasileiro das Cervejas de 2017 e na Copa Cervezas de América de 2016. Os mais recentes lançamentos da marca são a Session IPA Delatora, em alusão ao momento político vivido pelo país, e a QuadruppelCabulosa.


Cenário Ainda é verão na Pousada Casa de Maria, Prado-BA

Redação Cenário Minas

Março

é o último mês para curtir o disputado verão brasileiro e a Pousada Casa de Maria é a melhor opção para quem quer se hospedar no belíssimo litoral sul da Bahia. Distante apenas 250 metros da praia Novo Prado e a 600 metros do centro de Prado, a pousada oferece pacotes de passeios para diversas praias do litoral pradense, além de muito conforto. A Pousada Casa de Maria, estabelecimento Pet Friendly, conta com 24 apartamentos, todos devidamente equipados com ar-condicionado, TV de Led, secador de cabelo, espelho de aumento, frigobar livre, ventilador de teto, luminárias especiais e amenities diversos. O café da manhã é incluso na diária e servido com uma grande variedade de alimentos típicos da culinária baiana, mineira e internacional, assim como os pratos especiais que podem ser adquiridos no restaurante e bar da casa, aberto exclusivamente aos hóspedes. Em um clima de aconchego e intimidade, a pousada dispõe de sauna e piscina para diversão além de serviço de massagem.

Revista Cenário Minas - www.cenariominas.com.br

Barra do Cahy, além das belíssimas Praias de Prado e o Arquipélago de Abrolhos são apenas alguns exemplos do que está esperando por você. Mais informações pelo site www.pousadacasademariaprado.com.br. Localização Perto da praia, esta pousada fica a 10 minutos a pé de Praia Novo Prado e Praia do Coqueiral. Igreja de Nossa Senhora da Purificação e Praia do Centro também ficam a 2 km. Comodidades do estabelecimento Esta pousada para não fumantes oferece restaurante, piscina externa e bar ao lado da piscina. Buffet de café da manhã grátis, Wi-Fi grátis nas áreas comuns e estacionamento grátis sem manobrista também são oferecidos. Outras comodidades incluem cafeteria, sauna a vapor e café/chá na área comum. Estacionamento sem manobrista grátis.

39 - Cenário Minas


A Cenário

Comunicação e Marketing Digital

www.cenariocomunicacao.com.br

Profile for Revista Cenario

Revista Cenário Minas - Março/Abril 2019  

New
Advertisement