Page 1

Moda & Decoração

PersonAZ!

As sugestões mais descoladas para presentear mães, mulheres e namoradas

Tio Gastão se despede de Bauru, do Centrinho e abre o coração contando detalhes de sua vida pessoal e profissional

R$ 10,00

Veja mais em azbauru.com.br e facebook.com/AZBauru

Mai _ 2012

#10

Informação de A a Z

ECONOMIA AQUECIDA Cresce o número de novas empresas. E o comércio investe cada vez mais

MÃES E NAMORADAS Especiais mostram a alegria de jovens mães, a opção pela gravidez tardia e o amor nos tempos modernos

É PARA CASAR! Novas tendências em enxoval, viagens, bolos e presentes. Tudo para uma cerimônia linda

Vocação para o luxo Pioneira na venda de grifes famosas, Neusa da Xok, alça novos voos


4

ÍNDICE

Nesta Edição 10 - MODA & DECORAÇÃO Por Paula Casério 14 - SAÚDE Xô, celulite! 18 - PERSONAZ! Tio Gastão 22 - AZ! SOCIAL Por Vilma Borges 24 - REGIÃO Entre na roda 25 - COMPORTAMENTO Por Heliana Deweese 28 - AUTOS & MOTOS Daniela e Sidinei Rocetti e seu novo Volkswagen Fox 30 - MKT EMPRESARIAL Neusa da Xok 32 - MAIO - MÊS DAS NOIVAS É para casar 38 - MKT EMPRESARIAL Yara Gonfiantini 39 - GASTRONOMIA Jefferson Previero 40 - MKT EMPRESARIAL Chef Prontos e Congelados 42 - GASTRONOMIA b.b. batatas 44 - GASTRONOMIA L’Atelier Sucré 46 - ESPECIAL MÃES - ESTILO À espera do grande momento 52 - ESPECIAL MÃES - PERFIL Dona Adzir Trentin Regueiro 55 - MATERNIDADE A hora de ser mãe 58 - AZ! GENTE - ESPECIAL MÃES Por Daniela Falasca 59 - SEU DIREITO Por João Piccino 60 - DIA DOS NAMORADOS Namorados dos tempos modernos

62 - ENSINO SUPERIOR Perfil para educação ajuda a revelar novos talentos 66 - NEGÓCIOS Economia aquecida em Bauru 68 - AZ! GENTE Por Luciana Spetic 73 - SERVIÇO Onde encontrar 74 - EDUCAÇÃO Por Paula Rocha

60

14

62

32

E X P E D I E N T E Revista AZ! | ano 02 / número 10 Diretor geral: Rodrigo Chiquito // Gerência administrativa: Dralsio Esteves // Executivos de contas: Luciana Spetic, Marcela Cardoso e Fabio Penna // Editora-chefe: Dulce Marli Kernbeis // Edição de arte: Ricardo Toshioka e Gabriel Leite // Fotografia: Renan Casal, Dani Falasca, Edner Santos, Carlos Hinke / colaboradores // Colunistas: Luciana Spetic, Paula Casério, João Piccino, Daniela Falasca, Vilma Borges, Jefferson Previero e Paula Rocha // Jornalista: Renan Milanez Vieira e Ana Paula Pessoto / colaboradores // Apoio editorial: BK Editora Impresso na Grafilar // 10.000 exemplares // R$ 10,00 em pontos de venda e distribuição gratuita em Bauru e região. A Revista AZ! é uma publicação da Publici On&Off - Rua Dr. Antônio Prudente, 3-205 - Estoril - Bauru/SP - F.: 14 3879 0348


6

EDITORIAL

Homenagem às mulheres,

Foto: Claudia Garrido/Especial para a aZ!

mães, noivas, grávidas...

Toda edição de aZ! traz enfoques

empresariais, quase sempre perfis de homens que se destacam nesta vida bauruense e, agora da região, também. São pessoas mais do que especiais, que têm conteúdo, algo a dizer, merecem o destaque que recebem. Mas nesta edição, são elas, as mulheres que se destacam. Revista pronta e descobrimos nas nossas mãos uma edição especial às mulheres. Quase toda. Uma edição-homenagem às guerreiras. Acreditem: não foi nada proposital. As matérias foram brotando, os temas relacionados ao mês de maio, das noivas, data do nosso lançamento surgindo: Dias das Mães, e daqui a pouquinho Dia dos Namorados. E de repente a nossa surpreendente capa: uma mulher forte, determinada. Coincidentemente temos estreias

femininas no nosso time: a entrada da colunista Vilma Borges (seja muito bem-vinda!) que dispensa comentários tamanho é seu currículo. Vilma fica com os destaques sociais, com a noite, com eventos festivos. Luciana Spetic continua, irá cobrir a partir da próxima edição, (nesta está ainda tudo junto e misturado) os eventos empresariais. Como deve ser, ela que é afeita ao comercial, vendas e relacionamentos corporativos. Nessa seara, a das vendas, chega também a Marcela Cardoso. Marcela está tomando gosto pelo jeito peculiar de fazer revistas, tem um excelente tino comercial, mas se revelou também ótima produtora, como você verá no ensaio que ela assina das mães mais do que especiais que aqui estão. Aliás, sintam-se todas as mães homenageadas através das nossas convi-

dadas (foto acima). E todas as mulheres também. Porque falamos daquelas acadêmica (como a professora Maria Helena Gamas), de outras que fazem do encontro com as melhores amigas, uma das grandes razões de viver (vicentinas). A esse time de guerreiras soma-se um homem que também dispensa comentários: “Tio Gastão”, do Centrinho. Ele se despede de Bauru, está se aposentando, mas seu coração – que abriu claro. E, também ele, com a generosidade que lhe é peculiar, presta homenagem à mãe e à esposa. Não é bom demais? Você vai gostar. Um abraço. Equipe AZ!


8

MAKING OFF

Encontro de velhos amigos O clima das fOtOs de capa entre Neusa da Xok e o Gil Milagre, responsável pelo look da empresária, não poderia ter sido dos mais descontraído e gostoso. Foi um encontro de velhos e calorosos amigos. Os dois se conhecem desde a década de 80, quando Gil prestava seus serviços para o make, os cabelos das ilustres bauruenses. Sim, ilustres. Muitas dessas

“brincavam” nas passarelas... emprestando a beleza para que as peças trazidas na cidade. E era um rebu, termo que se usava à época. Fazia o maior sucesso. Os dias de hoje. -

da por Carlos Hinke sob o aval da produção da Luciana Spetic.

Foto: Carlos Hinke/Colaborador

vro para contar tudo. Quem sabe, juntos,


14 S A Ú D E

Xô, celulite! Celulite. Ela é considerada uma das maiores inimigas da beleza feminina e afeta de 80 a 90% das mulheres. De um jeito ou de outro, todas querem se livrar dela. E o segredo para tal feito está em aliar tratamentos estéticos, atividade física regular e alimentação saudável. Clínicas médicas e esteticistas sabem que nesta época do ano 60% das mulheres desprezam os tratamentos estéticos indicados para acabar com essa enfermidade. E vem junto o desespero e todas querem se livrar dos horrorosos furinhos. Mas não precisa ser assim. Nunca é tarde demais para começar a expulsar a ção do tecido da pele, em menor ou maior intensidade.

Causas A patologia, mais evidente em coxas, quadris, bumbum, joelhos, membros superiores e abdome, é causada por vários fatores e um dos mais evidentes está na vida moderna, com o estresse diário, hábitos alimentares errados e falta de exercícios físicos. O excesso de consumo de alimentos gordurosos, sal, alimentos industrializados, também são grandes vilões da estética, uma vez que o organismo não consegue eliminar as toxinas presentes em tais alimentos. Por outro lado, há teses que explicam o surgimento da celulite quando o organismo é muito lento para queimar o que ingere e até quando a mulher passa a maior parte do tempo sentada. E também há a questão hormonal, responsável por 10% das celulites e sobrepeso. Entretanto, a causa maior está na alimentação aliada à vida sedentária e sobrepeso.

Fotos: Divulgação

Pode parecer apenas um sonho, mas dá sim, para dar adeus a essa inimiga feminina


16 S A Ú D E

Nesta página: esteticistas usam o Manthus.

“O aparelho produz correntes de eletrolipo com ultrassom e trabalha nas células de gordura reduzindo as medidas e proporcionando a oxigenação dos tecidos, o que melhora muito a celulite”

tratamentos antifurinhos Apesar do peso extra contribuir para o agravamento da celulite, os furinhos na pele não são privilégios de quem está com alguns quilinhos a mais. E o que fazer se, mesmo em paz com a balança, a tal da celulite incomodar? Nesses casos, o jeito é procurar as poderosas técnicas estéticas existentes no mercado e

“Indicamos o tratamento no mínimo duas e, no máximo, três vezes por semana. Os resultados variam de acordo com cada organismo e podem ser vistos já a partir da terceira sessão”, ressalta Tatiane. Uma dica da esteticista é realizar o tratamento como prevenção no período pré-menstrual, quando a mulher retém líquidos e o tratamento pode ajudar a prevenir a retenção.

O poderoso Manthus

Drenagem linfática manual

Ao lado de Nathália Fontana Arantes, Tatiane Cristine Debia Silva é esteticista da Contours Academia, em Bauru. Ela explica cientes e procurados é o Manthus. “O aparelho produz correntes de eletrolipo com ultrassom e trabalha nas células de gordura reduzindo as medidas e proporcionando a oxigenação dos tecidos, o que melhora e muito a celulite”, explica Tatiane. O Manthus é indicado para mulheres acima dos 17 anos de idade e é contraindicado para quem tem metais em qualquer parte do corpo. As regiões mais indicadas para o tratamento são: abdome, coxas, costas e bumbum. As sessões duram, em média, 20 minutos e são associadas com drenagem linfática.

Mas nem só de Manthus vivem os tratamentos estéticos contra a celulite. Segundo a esteticista, Tatiane Cristine Debia Silva, a drenagem linfática também é uma forte aliada nesta batalha. “A drenagem feita manualmente promove a reabsorção de proteínas nos capilares linfáticos, o que traz o aumento da diurese pelo aumento dos líquidos excretados. Também reduz edemas e aumenta a motricidade intestinal”, acrescenta.

endermologia Consiste em uma terapia profunda que pode minimizar as saliências e reentrâncias e reduzir as medidas das coxas e abdome. A técnica também aumenta a circulação do local e modela o corpo. Há tam-

bém o estímulo de formação do colágeno

talassoterapia Tratamento feito por meio de bandagens mornas com sais que ajudam na lipose, quebra de gordura, além de repor minerais como cálcio, magnésio, cobre e zinco.

em casa, diariamente Optar por um bom tratamento estético não excluiu os cuidados pessoais com o próprio corpo. Uma dica barata e agradável para amenizar a celulite é escovar o corpo diariamente. O processo de esfoliação da pele, feito com uma esponja ou creme esfoliante, ajuda a amaciar e alisar as “cascas de laranja” das coxas e bumbum, por exemplo. Uma boa ação é, antes do banho, esfoliar as áreas afetadas com uma escova vegetal.

Hidratação, sempre Segundo especialistas, manter a pele hidratada ajuda, e muito, a excluir os furinhos da pele. Nesse caso, os hidratantes ajudam no momento em que impedem a desidratação da pele. Evitar banhos excessivamente quentes e sempre hidratar o corpo após as duchas é fundamental.


17 “De dentro para fora” “Desde a adolescência, já existe uma intensa ação hormonal que, nas pessoas pré-dispostas, pode iniciar o processo de aparecimento de celulite. Entretanto, com uma boa alimentação e exercícios físicos regulares é possível evitar ou postergar o Luciane Vieira, nutricionista do Empório das Vitaminas, que ensina a combater esse mal estético de dentro para fora. Ela avalia que comer mais que o necessário e ter rotineiramente dietas ricas em gorduras e carboidratos aumenta a síntese e o armazenamento de gorduras, o que favorece a celulite. Comer muito à noite e não comer durante o dia são ações que proporcionam o mesmo efeito.

Alimentos do bem Luciane recomenda a ingestão de alimentos de baixo índice glicêmico. “Frutas como melão, pera e vegetais folhosos, como alface, além de cereais como aveia e o

iogurte também devem fazer parte da dieta diária”, acrescenta. Outra dica são os alimentos que não contêm sal na sua formulação, como bolacha de água, margarina sem sal, vegetais em geral e temperos naturais já que, segundo a nutricionista, o sal ajuda a reter líquidos no organismo e, consequentemente, na gordura localizada. Evitar refrigerantes e bebidas alcoólicas também ajudam, pois tais bebidas fornecem calorias e não possuem nenhum valor nutritivo. Sucos naturais ou água são sempre as melhores opções.

Água E por falar em água, vale lembrar que ela é uma grande aliada no combate à celulite, uma vez que hidrata as células e facilita a eliminação de toxinas, o que evita o aparecimento dos furinhos indesejados. O organismo, em geral, precisa de dois litros de água apenas para trabalhar. Então, dá-lhe água.

Óleo de coco Segundo a nutricionista do Empório das Vitaminas, com o uso do óleo de coco é possível reduzir o índice de massa corporal pode acontecer devido ao efeito termogênico do óleo de coco, que também aumenta o dante, que combate o envelhecimento. “O consumo ideal é de uma a duas coem saladas, preparações de alimentos ou mesmo ingerido puro”.

Óleo de Cártamo O óleo de cártamo é capaz de acelerar a perda de gordura, de modo especial na região abdominal, além de regularizar o triglicerídeos. Além de prevenir o aparecimento de celulites, ele também é bom para a pele. Segundo Luciane, a dosagem ideal é de duas cápsulas antes do almoço e duas antes do jantar.


18 P E R S O N A Z !

TIO GASTÃO de A a Z A - Apelido? Fotos: Renan Casal/Colaborador

A verdadeira história desse apelido é conhecida por poucos. Aos dez anos, eu deixei minha família em Lindóia para morar numa pensão em Serra Negra (a 142 quilômetros da capital paulista e a quase 11 de Lindóia). Naquela época, fazíamos uma prova chamada admissão para entrar para o ginásio. Eu passei para a escola de Serra Negra e não podia perder a oportunidade de estudar. Na escola, éramos dez estudantes muito unidos. Lá, ganhei meu primeiro apelido: “Índio”. Os garotos de Serra Negra achavam que Lindóia era uma tribo indígena, por isso me apelidaram assim. O apelido “Gastão” surgiu muito depois. Vários lances de sorte envolveram minha trajetória neste início da vida universitária, quando eu trabalhava para valer, já que minha família não conseguia

NAScIdO em LINdóIA, em 18 de de Freitas e Iracema de Souza Freitas, José Alberto ingressou, aos 18 anos, na Faculdade de Odontologia da Pontifícia Universidade Católica de Campinas e graduou-se como cirurgião-dentista em 1964. Durante o curso, como forma de manter-se na nova cidade, atuou como monitor nos departamentos de Anatomia e Radiologia da faculdade, atividade que

o despertou para a vocação acadêmica. Apenas cinco anos mais tarde, já em Bauru, cidade que adotaria como sua, e após ter completado três cursos de Pós-Graduação na área de Bioestatística, José Alberto defendeu seu doutorado em Diagnóstico Bucal na Faculdade de Odontologia de Bauru da Universidade de São Paulo (FOB-USP) – instituição na qual já atuava como professor. O que para muitos poderia parecer o auge, para ele era somente o início.

casa. Fui propagandista de laboratório de medicamentos, vendi jóias e perfumes e tudo foi dando certo. Minha sorte mesmo era encontrar pessoas generosas e dispostas a me ajudar. Até que um dia em férias com meus primos, soube que meu tio, iria a trabalho para a Alemanha. Na faculdade, precisávamos de brocas modernas... então, pedi a meu tio que trouxesse esse material. Para surpresa de todos, os instrumentos importados chegaram. Quando eu cheguei com aquela mala e a abri em cima de uma bicama, o Airton, um aluno da faculdade, natural de Pinhal, olhou aquilo e disse: “Não pode ser... Não é possível ter tanta sorte assim... Só pode ser o Gastão”. O Airton estava com uma revistinha na mão do Walt Disney onde havia o Gastão personagem. Estavam ele, o Ari, o Celso... Foi a primeira vez que me chamaram assim. Quando chegamos na faculdade, era “Gastão, Gastão”, aí pegou! Nunca mais me chamaram por “Índio” ou pelo meu nome. Já em Bauru, para cursar pósgraduação na FOB-USP, em 1965, minha sogra ganhou um fusca zero quilômetro no


19 “talão da fortuna” e decidiu me presentear. Isso reforçou meu apelido. Bastaram poucos anos para que o substantivo “tio” antecedesse “Gastão”, reforçando os laços de carinho que trocamos com nossos pacientes no Centrinho-USP.

B - Brasília Eu jamais abandonei Bauru. Bauru me recebeu com muita solidariedade e sempre com muito carinho. É aqui que está o Centrinho e minha eterna missão. Brasília, porém, também sempre fez parte é um centro de decisões. É lá que sempre busquei verbas para o nosso querido Centrinho. Ocorre que minha família se mudou para lá. Filhos, netos... e não posso

recursos para o Centrinho com a venda de e pelo amigo, também cirurgião-dentista, Reinaldo Mazottini. E enquanto eu cuidava dos pacientes e da administração do Hospital, ela assumiu com maestria 100% da administração de nossa vida conjugal. Ela é uma mulher forte, determinada e muito amável. Patrícia, Rogério, Ricardo e Priscila - e adotamos as pacientes Mara e Áurea. E, de Áurea e nosso querido caçula. Nesses mais de 40 anos, eu e Sueli caminhamos sempre juntos (mesmo que muitas vezes eu tenha me ausentado por motivos de trabalho) e ela me deu uma família linda.

felizmente muitas pessoas generosas e sensíveis cruzaram o meu caminho. Mestres como Luís Casati Álvares, Eurico Estevam e Ricardo Baroudi (inspirador do Centrinho com sua frase “Gastão, o que é bonito hoje, não será no amanhã, se não tiver a atuação da Odontologia)... O dr. Casati, em especial, teve uma importância determinante na minha trajetória, por ter me trazido para a FOB-USP e, sobretudo, cada um deles desenvolvi uma experiência diferente e enriquecedora.

I - Indignação A arrogância, o mau uso do poder e a falta de sensibilidade, especialmente quando

F - Filhos c - cidade Lindóia. Cidade onde eu nasci, onde recebi toda a educação formal primária e especialmente onde vivi momentos inesquecíveis ao lado de meus pais. Naquele cenário lembro-me bem do menino Zé Alberto próximo aos carros de boi, ao trilho do trem. Na olaria do pai, seu Benedito Pilastieri de Freitas, queimando tijolos. Atento diante da mãe – a professora Iracema de Souza Freitas -, fazendo as tarefas...

exceto o Guilherme, que atua na área de Informação e Tecnologia. São todos casados e já me deram quatro netinhos lindos. São minha alegria.

d - desejo

privadas.

Desejo ver uma Faculdade de Medicina em Bauru, por exemplo. Desejo ver mais

H - Homem de destaque

campus USP de Bauru. Desejo ver as pessoas tendo mais acesso a programas de homens possa ser tocado pela humildade e pela fé.

J - Jeitinho brasileiro G - Gastos públicos competência, ética e transparência. E ter foco em suas aplicações. É preciso também ter visão ampla e sensibilidade no olhar. Essas premissas servem tanto

imensamente grato. Luiz Ferreira Martins (ex-reitor da UNESP, diretor da FOBUSP), por exemplo. Ele me ajudou em todas as oportunidades possíveis, não só com verbas ou aprovação de projetos, mas

e - esposa Minha esposa é a cirurgiã-dentista Sueli Zambonato de Freitas. Nós nos casamos em 1969. Ela é meu porto-seguro. Esposa e companheira de todas as horas. No início do Centrinho-USP, por exemplo, ela entendia minha devoção àqueles pacientes a ponto de permitir que alguns deles, vindos de muito longe, e sem recursos em nossa própria casa.... Naquela época, Sueli ajudava a angariar

de mal com a vida, de cara fechada. O ser humano tem o dom do sorriso e um sorriso pode mudar tudo na vida da gente.

eu costumo chamá-lo, trouxe para o Centrinho-USP vasta experiência na área administrativa e educacional. Ele foi o primeiro reitor da Unesp, esteve à frente da Secretaria Estadual da Educação, foi diretor da FOB-USP e exerceu diversos cargos administrativos e de consultoria de órgãos fomentadores de pesquisa. Não poderia deixar de citar também o amigo Alcides Franciscato, um colaborador permanente do Centrinho-USP. Jarbas

Depende. Se você está se referindo ao “jeitinho brasileiro” do tipo malandro, de de se prevalecer sobre os outros, não acho lícito e não comungo dessa prática. O “meu jeitinho” diz respeito a você buscar conhecer o ser humano e saber que todo mundo quer mesmo é receber atenção, um “bom-dia” verdadeiro, um “muito obrigado” sincero. Eu olho no olho das pessoas, independentemente de seus cargos ou do escalão a que pertencem. O protocolos. Jamais deixaria de tentar buscar ajuda para um paciente porque não podia passar de uma determinada porta. Na vida temos de ter ousadia. Mas jamais devemos desobedecer leis e hierarquias. Isso também eu aprendi.

L - Lamento Nesta trajetória de quase 50 anos de USP, eu vivi poucos momentos de crise. No geral, lamento por aqueles que não puderam ser superados – e jamais foram esquecidos.

m - mulher de destaque Minha esposa Sueli. Sem ela, eu não teria


20 P E R S O N A Z ! foi graças a um frei franciscano que conheci em Campinas (SP) e que me convidou para visitar um projeto comunitário... Ali, nasceu em mim uma consciência humanista. Ele me ajudou a enxergar um outro mundo. E nunca mais deixei de estudar a vida e a obra de São Francisco de Assis. Estive em Assis e vivi momentos muito emocionantes lá.

T - Tensão O egoísmo e a falta de educação me desajustam. Não consigo entender certas atitudes do ser humano.

U - Ultimato Eu daria um ultimato ao Senado e à Câmara Federal para que PENSEM e ATUEM voltados à resolução dos problemas da população brasileira e deixem de tentar resolver seus próprios problemas. Eles devem se lembrar dos ensinamentos de Ruy Barbosa.

V - Vida Eu posso garantir que minha vida inteira tem valido a pena. Tudo valeu. Cada noite em claro, cada dia intenso de reuniões e busca de solução para pequenos e grandes

que conheço foram ousados e souberam surpreender na hora certa. mulher que mais admiro é a professora Iracema de Souza Freitas, minha mãe. Amada e lembrada até hoje na cidade de Lindóia, ano passado, em junho, ela me proporcionou o orgulho de presenciar uma homenagem póstuma da escola onde eu estudei, que passou a ter o seu nome. Naquele dia festivo, centenas de crianças me emocionaram assim como me emocionaram ex-alunos dela que eram meus colegas de escola, na época. Essa mulher inteligente, guerreira e repleta de afeto é um de meus grandes referenciais.

P - Prato preferido Hoje eu tenho uma alimentação leve. Mas adoro um peixe bem preparado, um bacalhau com alecrim... Também gosto de uma leitoa à pururuca.

Q - Quem foi a grande referência para a sua vida?

seguida por alguém... E ao olhar para trás Os meus 70 anos de vida? É difícil pontuar. A cada ano de vida nos sentimos como se tudo tivesse acontecido ontem. Com você não é assim? Eu me sinto na minha versão mais atual, como gosta de

mesmo tempo serena, sua inteligência e do marido... um exemplo de vida...

N - Não

R - Reforma

Digo não à corrupção, à ingratidão e à

Eu ampliaria a destinação de recursos

O - Objeto de desejo? Ou Ousadia?

pessoas tivessem acesso a tratamentos de qualidade.

Ousadia, porém, é algo que nos leva adiante e mostra nossa capacidade criativa. Os homens mais brilhantes

Minha vida foi e tem sido uma grande missão. E venho seguindo nessa linha reta, sem desviar do que me foi entregue. O que levamos daqui é o sorriso que “arrancamos” do outro, é a humildade que

S - São Francisco de Assis Meu primeiro contato com São Francisco

E sei que estou na minha maturidade intelectual. É uma pena que em muitas áreas e estruturas o chamado “idoso” seja convidado a sair de cena justamente nesta fase mais produtiva intelectualmente. Aliás, essa é uma grande discussão. No nosso país, o idoso ainda é tratado como um móvel velho, sem que valorizem sua vasta e ampla experiência. Aos poucos isso vem mudando... Outra questão séria a ser debatida é que o cidadão é preparado para


21 trabalhar, mas não é preparado para se aposentar.

X - Xis da questão da saúde pública base, nos atendimentos primários e na distribuição orçamentária. Os hospitais especializados levam um pouco de vantagem à medida que eles não têm uma porta aberta, não têm um têm pronto-socorro estão sujeitos a uma demanda não controlada e isso gera uma uma demanda acima do que o próprio orçamento está limitado. Então, são análises bem mais complexas.

sem o respaldo de uma universidade, apresentar resultados satisfatórios. Quando observamos os dois lados, aí aparece essa diferença que normalmente é notada. Por isso, penso que sempre que estiver atrelado a programas de ensino, os pontos. Também acredito que é necessário que as administrações municipal, estadual e federal determinem suas linhas de atuação e que os serviços, especialmente os de portas abertas oferecidos de forma descentralizada nos bairros e pequenas cidades, possam oferecer um atendimento adequado e com resolutividade, para evitar que esses pacientes sejam encaminhados aos pronto-socorros, que normalmente se apresentam estrangulados, com muita

um diferencial extremamente positivo,

de baixo orçamento, de portas abertas,

tivessem uma estrutura adequada, com capacidade para exames diagnósticos e equipe multidisciplinar, certamente cairia

a procura por prontos-atendimentos... Sabemos que, muitas vezes, chegam aos prontos-socorros pessoas que precisam de um atendimento especializado... Isso não poderia ocorrer. Tudo isso depende de modelo de administração, de uma política de carreira tanto para médicos como enfermeiros, de se aumentar orçamento na área de

paciente, na linha de frente, passa pela necessidade de um orçamento maior e isso deve ser discutido entre municípios, estado e federação.

Z - Zero. Para quem dá nota 0 Eu acredito que todas as pessoas têm um lado bom e um lado ruim. E mesmo aquelas que só demonstram o lado ruim podem, se quiserem, demonstrar o lado bom. Por isso, eu não daria zero nem mesmo para o diabo.


AZ! SOCIAL

22

Por Vilma Borges

MUSICANDO REMEMORAR

Fotos: Vilma Borges/Especial para AZ!

Relembrando os bons tempos da Jovem Guarda, o grupo Pholhas levou muitos casais à Hípica de Bauru

Godô, presidente do BTC e sua Maria Clara

Gil e Darci Bernardi

Marcela Cunha e Ricardo Coube

SAMBAR

Fotos: Renan Casal/Colaborador

Noite especial com Martinho da Vila no Sesc. Foi demais!

Martinho canta e encanta no palco do Sesc

Joana Santos e Marcle Cerqueira, felizes que só vendo!

Sandra (Comunicação); Camila (Programação); Mônica (Gerente-geral) e Jonadabe (Gerente-adjunto)


23

Mariluce Genovez, Servio, Darcy e Lúcia Louzada (Botequim do Luso) presentes

No samba, Vangélio Mondelli e esposa Joelma

Renato Amantini e Eliana se divertindo

Comendador Cláudio Amantini, com sua Valéria não poderia deixar de prestigiar o amigo de pescaria Martinho

Fabiane e Regiane Fabiano Vicente: presença jovem

Família Be Happy sambou unida


24

REGIÃO

Nesta página: brincar para educar educadores.

MAIs RegIão AVAÍ - O governador Geraldo Alckmin repassou ao prefeito de Avaí, Paulo Sérgio Rodrigues, do PSDB, R$ 600 mil para serem aplicados em obras e compra de veículos. Metade desse total será para asfalto e o restante para a compra de um caminhão basculante e um veículo tipo van para o transporte de pacientes. O ato se deu na última quinzena de abril.

Foto: Divulgação

Agudos - Desde o mês passado, os leitores agudenses passam a ter à disposição cerca de 293 novas obras literárias e culturais, incluindo livros, CDs e DVDs.O material recebido veio do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de São Paulo e irá aumentar ainda mais as opções de leitura, pesquisa e aquisição de conhecimento, no acervo cultural da Biblioteca Municipal de Agudos, composto por cerca de 18 mil obras. A Biblioteca fica na Avenida Sebastiana Leite, nº 551, Centro e está aberta de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

Entre na roda

Projeto estimula a leitura em 12 cidades da região A FundAção VolkswAgen inicou em março o projeto educacional “Entre na Roda”. O objetivo é oferecer formação escomo mediadores de leitura. O projeto vai blica de Agudos, Cabrália Paulista, Iacanga, Lençóis Paulista, Piratininga, Pongaí, Reginópolis, Ubirajara, Uru, Arealva, Balbinos, Presidente Alves, na região de Bauru (SP). O primeiro encontro de formação dos educadores teve a presença do prefeito de Arealva, Elson Banuth Barreto.

BoTuCATu - O escritório do Sebrae-SP em Botucatu (100 quilômetros de Bauru) realizou o Encontro Regional de Parceiros. Prefeitos, lideranças políticas, presidentes de associações comerciais e representantes do setor público e privado dos municípios de Areiópolis, Anhembi, Arandu, Avaré, Bofete, Botucatu, Conchas, Itatinga, Jumirim, Laranjal Paulista, Paranapanema, Pardinho, Pereiras, Porangaba, Pratania, Quadra, São Manuel e Torre de Pedra participaram do evento. A agenda incluiu a visita à Incubadora Tecnológica Prospecta, voltada à inovação do agronegócio.

o que é o “entre na Roda” O projeto “Entre na Roda” forma bliotecários e voluntários para atuarem na escola e na comunidade, estimulando o gosto pela leitura e desenvolvendo as capacidades leitoras de crianças, jovens e adultos. Serão oito encontros de oito horas de formação para cada turma ao longo de conto literário, novela, romance, teatro, poesia, jornal, entre outros. As institui-

implantação de rodas de leitura e outras atividades orientadas pelo projeto. “A leitura tem um papel fundamental no aprendizado e no desenvolvimento do também sejam bons leitores, sintam prazer de fato com a leitura e passem esse valor às crianças. Uma vez formado, o educador levará o conhecimento para toda Volkswagen, Conceição Mirandola.


25

Por Heliana deweese

Fotos: Francine Esqueda/Colaboradora

COMPORTAMENTO

Adoráveis sessentonas Envelhecer é um estado de espírito. A alma reflete fora o que levamos dentro SomoS levadoS a crer diariamente que o passar dos anos nos tira a juventude e com ela lá se vai nosso prazer de viver. Sabiamente, há quem contrarie a regra cruelmente imposta e consegue passar pelos anos com a jovialidade própria dos inteligentes. Deixando de lado as dores lombares, os calores da menopausa ou o ranger da artrite nas juntas, é mais do que possível curtir o que a vida reserva de melhor para esta fase: liberdade. Filhos criados, aposentadoria e tempo livre para dedicar-se a si mesmo.

Irmandade das vicentinas É inegável que a idade traz lá suas limitações, mas com tantos avanços da medici-

na e as ferramentas que a tecnologia coloca hoje à disposição, está cada vez mais possível e viável dar uma forcinha para a mãe natureza. Porém, nada disso adiantará se

jovem por dentro. Envelhecer é, acima de tudo, uma questão de atitude. Quem consegue chegar a esta etapa como a irmandade das “vicentinas”, não pode reclamar de solidão. Tome nota destes nomes: Maricy, Mazé, Neusa, Cinyra, Rosa Espanhola, Tetê, Elô, Ana Maria, Heloisa, Ana Francisca, Renata, Catatao, Ju, Susu e a Cida Comadre são 15 adoráveis sessentonas que ganharam o inusitado apelido em alusão à conhecida casa de idosos da Vila

Vicentina. Juntas desde 1986, estas mulhenheirismo, solidariedade, muitas gargalhadas e diversão. Mas, quem são essas mulheres e o que têm em comum, além da idade? Muito. Todas são professoras e a maior parte delas já está aposentada. São também mães, que há, então de especial nesse grupo de amigas que se conheceu através da educa-

leve, encontrar beleza na simplicidade dos pequenos gestos e maximizar os momentos em boa companhia.


26 C O M P O R T A M E N T O Fotos: aqui estão algumas das fundadoras da “Confraria”, no Tradicional Botequim.

um chope e outro, sacramentou-se o nome do grupo, que se formou naturalmente. Diante de uma leal amizade, consolidou-se um compromisso.

Saudades das vicentinas O autor do apelido já faleceu, deixou saudades e também registrado o bem moldado nome para o grupo de meninas. Elas lembram com certa graça da homenagem

dizeres – “Saudades das vicentinas.”

anos de partilha São 26 anos de jovialidade para compartilhar. Já passaram por poucas e boas. Algumas já perderam o marido. A maioria já viu partir alguns entes queridos e vários amigos. Todas já tiveram altos e baixos e enfrentaram crises como qualquer um de nós pobres mortais, mas no caso das ‘vicentinas’ o grande diferencial na hora que o cerco aperta, é a certeza de que contam sempre com o ombro amigo do grupo para apoiar. São 15 calorosos abraços e muitos sorrisos solidários, para lembrar que não estão sozinho de uma grande e longa amizade, capaz

Casamento São mais de duas décadas de convivência, fortalecendo os laços das amigas que estão presentes na vida uma da outra para o que der e vier. “É como um casamento”, gria e na dor. Juntas passaram por bons e maus momentos. Viram os netos nascer, trocaram ideias sobre a vida, resolveram problemas e se deram as mãos. Acometida por um câncer, Mazé atribui com certeza, grande parte de sua reamigas, que se revezavam na assistência, ajudando-a a passar pelo difícil pedaço. Passou e ela se curou. “Minhas amigas são 10”, pontua.

Rosa, a espanhola, também tem seu mau momento para contar. Há 10 anos sofreu um acidente e teve que se submeter a várias cirurgias nas pernas. Com a locomoção completamente comprometida, o socorro das “vicentinas” foi a salvação. “Elas foram literalmente meus anjos da guarda. Sem a ajuda das minhas amigas eu não teria o devido suporte para minha recuperação”, credita ela.

elas, os encontros mensais acontecem infalivelmente onde tiver boa música, comida saborosa ou outra atração interessante. Essas meninas estão sempre em busca de um novo cenário para se reunirem. Com elas, não há espaço para a solidão. viajaram pelo Brasil e ao exterior. Foram em muitas excursões, participaram de eventos, banhos de cultura em São Paulo, da em busca de entretenimento e lazer, na medida do possível. Segundo elas, “o tempo passar”.

Como tudo começou O grupo começou pequeno, entre amigas da área de ensino, a maioria professora, a maioria trabalhando na antiga DRE – Difrente a um posto famoso e cheio de bossa à época, na Vila Falcão. Na época, o point to de gasolina, com um belo barzinho, e até pizzaria posteriormente. O nome do local? POSTO JAMA. Aos poucos o pequeno grupo foi se juntando, a princípio para o chopinho do frequentes e quando se deram conta, estava formada uma confraria feminina que ganhou de Ayrton Pereira, marido de Cinyra, o nome de “vicentinas”. Conta ela que sempre ao sair para encontrar as amigas, dizia ao marido: “vou sair com as meninas”. Um dia Ayrton disparou “estão mais para ‘vicentinas’ do que para meninas”. Na mesma noite, entre gargalhadas e

envelHeCer bem Há uma certeira expressão em inglês, que define isso muito bem –age gracefully - que em bom português quer dizer, envelhecer graciosamente. E, há várias maneiras de fazer isso sem deixar que os anos pesem ainda mais. Quando o tempo bater à nossa porta, lamentar não é uma boa opção. Manter-se ativo e com atitudes positivas ajudam a prevenir a depressão. Compartilhar o momento com os demais, sabendo que não se está só é a melhor companhia para percorrer o caminho que vem pela frente.


28

AUTOS & MOTOS Foto: Edner Santos e Arquivo Pessoal

“Vamos viajar pelo Brasil com o nosso novo Fox, que acabamos de comprar.”

Casamento com o carro dos sonhos Com Daniela e Sidinei foi assim: uma lua-de-mel com o novo Fox DAnielA SAnTOS ROceTTi é promotora de vendas e trabalha há 10 anos como responsável pela implementação e organização de vitrines de estabelecimentos. A promotora diz que é realizada com seu trabalho, contudo, quanto à sua vida amorosa, Daniela considerava não ter tido a mesma sorte: “passei por muitas desilusões amorosas. Achava que nunca iria encontrar um amor para mim. A minha situação só mudou quando eu conheci o Sidinei, em uma viagem para Brotas”. nanceiro Sidinei Rocetti Júnior: “foi amor à primeira vista. Depois desse encontro, o Sidinei, que não mora em Bauru, passou a vir para cá a cada duas semanas, só para que pudéssemos namorar. Ficamos com essa rotina por cerca de 1 ano”.

O casal, em setembro do ano passado, foi a um show de Felipe Andreoli. No entanto, o que Daniela não sabia é que Sidinei havia combinado com o produtor do show e com Felipe que ele faria o pedido de casamento durante o espetáculo.

de casamento na frente de dezenas de pessoas. O episódio inusitado foi registrado por uma das pessoas, que postou o vídeo no Youtube: “disse o sim sem hesitar, foi uma emoção indescritível”, destaca a promotora.

Um Fox para fazer a lua-de-mel dos sonhos Após o episódio do show de Felipe Andreoli, o casal iniciou os preparativos para o casamento. Começaram escolhen-

do o novo lugar para morar, depois cuidaram dos preparativos para a festa. Quando decidiram pelo presente, Daniela e Sidinei escolheram o Fox da Volkswagen. A linha Fox da Volkswagen começou a ser produzida em 2003. Trata-se de um carro com direção hidráulica, motor bicombustível e desembaçador de vidro traseiro. O veículo alcança uma velocidade máxima de 162 km/h e tem um consumo médio de 7,0 km/l no álcool e 10,0 km/l na gasolina. Embora seja considerado um compacto, o Fox se destaca pelo seu amplo espaço interno, que pode ser regulado para até 353 litros, ou seja, é um carro que pode tanto ser usado para o dia a dia como para viagens. que o casal, que se uniu em 14 de abril, optou pelo Fox. Para a lua-de-mel, o casal escolheu realizar dois tipos de comemorações. A primeira será uma viagem para Natal, já a segunda, diz o casal: “vamos viajar pelo Brasil com o nosso novo Fox, que acabamos de comprar. Ter esse carro também a concretização da próxima lua-de-mel, viajando livremente pelo nosso país”.


30 m k t e m p r e s a r i a l

empresária, mãe e avó, Neusa da Xok é pura determinação! a empresária abriu as páginas da sua vida e nos contou sua história de conquistas e superação Foto: Carlos Hinke/Colaborador

de Marcelino Ramos no Rio Grande do Sul ainda bem pequena rumo a Curitiba. Filha de Armando Felisberto do Nascimento e Anair Vieira do Nascimento eram seis irmãos, hoje cinco, pois perdeu seu irmão de 21 anos em um acidente de moto. Esse ir-

Bauru na rota Sua história de 40 anos de destaque na moda surgiu por acaso em Bauru. Como possuía um irmão que morava aqui com da cidade o destino a surpreendeu com um charmoso estudante de odontologia. Seu suas férias foi substituída pela vontade de

parada e nem nasceu para ser dependente, quis trabalhar, sentir-se útil. “Quem bebe a água de Bauru não consegue ir embora, abertos”. Foi aí que surgiu a idéia do casal ir para São Paulo comprar roupas e revender aqui. O amado dentista a motivou e lhe sultando na venda de porta em porta.

O tino comercial Em uma tardE de sábado Neusa nos recebeu com sorriso nos lábios e olhar de boas-vindas, mesmo sem saber que estávamos lá, para convidá-la a abrir sua vida para AZ!.

Com sua personalidade forte de ariana guerreira, sempre com um sorriso no rosto, ela oferece para Bauru e região o que há de A gaúcha da gema saiu com sua família

quando tinha apenas 13 anos, em uma loja de departamentos. Foi funcionária de um judeu no sul do país. E ele mesmo, sem imaginar o que o futuro reservava para aquela menina, a colocou em diversas fun-


31

Na página anterior: vaidosa, Neusa exibe o melhor do seu figurino.

gerente. O patrão Arão e sua esposa Fannicompletar 19 anos, transformando-se no embrião da que viria a ser anos mais tarde uma respeitada empresária de vendas, o que é até os dias de hoje.

Saber comprar é o grande trunfo de quem vende moda ravam com ansiedade nas suas idas e vinhavia de mais fashion na moda nacional e internacional. Foi nessa fase que surgiu a necessidadécada de 70 e Neusa morava na rua São samentos e ideias com o amigo Nélio Lima Daniel, que a encorajou e a ajudou. Transformou sua garagem em loja, colocou vidros e foi uma das primeiras a possuir, em Bauru, uma loja com ar-condicionado. Nélio tinha uma fábrica de sapatos e entrou como sócio, mas por conta de seus

para comprar, pois a loja só comportava A Zoomp e Soft Machine eram seus carros-chefes e as mulheres enlouqueciam vendi tanto que consegui comprar meu próprio ponto na Duque de Caxias”. Além de vender aqui, ela não parava,

frequentados por personalidades e artistas. Lembra que vendeu para muitas delas, entre elas “a primeira esposa de Roberto Carlos; a então sócia de Pelé que na época era garota propaganda da Maxfactantas outras.

a Xok vai vestindo gerações da mesma família Em Bauru, Neusa já vestiu June Coube, Cida Simão, família Simonetti, e tantas outras que continuam amigas e clientes até os dias de hoje. Como entende muito da bela arte do vestir-se bem e adequadamente, ela vai orientando porque cada pessoa é única

no seu estilo de vestir. E lembra o que uma mulher elegante não pode deixar de ter em seu guarda-roupa: um pretinho básico, uma saia secretária preta e uma maravilhosa camisa de seda. “Com uma roupa dessas a mulher vai em qualquer lugar e arrasa”. E para nunca deixar de ver gente que prima pelo bem vestir, Neusa confessa que se não trabalhasse com a revenda de roupas, seria produtora de festas, pois nesta área também conviveria com gente alegre, bonita e bem vestida.

ma forma, certamente, surpreenderá sua clientela com sua nova loja. “Quero oferecer esta surpresa para todas as minhas amigas clientes, que merecem mais esse

a mãe de quatro filhos, fala deles com muito orgulho

da Duque de Caxias, que vai virar ponta de estoque e escritório, hoje tenho Nilce Batista Couto - que está comigo há trinta

sempre pensando nelas mais bonitas e mais elegantes”.

Gratidão Perguntamos para ela qual seria seu segredo para sobreviver nesse mercado há tanto tempo, sendo sempre citada com -

sempre me apoiaram, me deram netos maClementino que também está comigo há vida”. Guilherme é administrador de emprea rota Brasil-EUA no ramo da moda para guindo os passos da mãe; Marcello está no -

Falando de moda Falando sobre moda no Brasil, Neusa presenta uma marca de BH, a Caos, que é o carro-chefe da loja. Marca escolhida pela qualidade e design atual. Trabalha também com a linha de festas Lia Rabello; Morena Rosa que agrada um público mais jovem e tem uma linha jeans maravilhosa; Maria Valentina para jovens senhoras que gostam de elegância em se vestir.

“E nos eventos que promovi para divulgar minha loja sempre contei com a -

comigo, pois sempre colocou em meu caminho, pessoas iluminadas, verdadeiras, que tenho a felicidade de estarem comigo até hoje”.

décadas. E para estar no mercado há quatais, e tantas outras, mas sempre tive o camesmo dos meus netos, pois sou vovó de

a empresária abre nova loja na zona sul da cidade agora a todo vapor nos preparativos para da no inicio de maio, na rua Araújo Leite, 32-08. Neusa atende Bauru e região há 40 glamurosos, que surpreenderam sempre seus convidados, pois oferecia o que era de mais atual em moda e dessa mes-

Em Bauru, Neusa já vestiu June Coube, Cida Simão, família Simonetti, e tantas outras que continuam amigas e clientes até os dias de hoje


32 M A I O - M Ê S D A S N O I V A S

É para casar Foto: Divulgação/Magnus Noivas

Os serviços para quem vai se unir estão a cada dia mais requintados

Quem casa Quer casa, diz o antigo ditado popular. Mas quem casa nos dias de hoje, não quer apenas casa, quer também um enxoval impecável, cerimônia requintada, viagem inusitada e... muito mais. É que os serviços para noivos estão cada dia mais especializados. E opções para tornar a data especial não faltam. Desde os presentes, que vão dos utilitários às tradicionais peças de cristal e porcelana, daquelas que duram a vida toda. E o enxoval, então? Cada vez mais diferenciado para facilitar a vida das donas de casa modernas. São muitas as novidades. Nesta edição, um miniguia das novidades do mercado bauruense.


Na página anterior: vestido da Magnus Noivas; nesta página: Lilia é especializada em presentes.

Vestido, o protagonista Leveza e delicadeza. Essas são as palavras-chaves na hora de escolher o vestido para um casamento matutino. Tecidos de organza e crepe de seda são ótimos aliados para deixar o vestido leve e elegante. Os bordados podem entrar no lugar dos brilhos e as pérolas no lugar do strass. Na cabeça, o ideal são arranjos mais delicados, e Já as cerimônias realizadas à tarde, segundo Roberta Lambertini Vargas, da Magnus Noivas, possui a delicadeza da manhã com um pouco do glamour da noite. Tecidos rendados, formas mais ajustadas ao corpo, uma leve cauda e detalhes nas costas são permitidos, assim como um pouco de brilho. “Já cabelos meio presos perfeitos”. À noite, o glamour impera tanto nos tecidos quanto nas modelagens e brilhos. Roberta explica que para as noivas que

33

estilo princesa cai como uma luva. “Na cabeça, coroa com uma matilha longa pode entrar em cena e os cabelos, quanto mais presos com penteados elaborados, melhor. Com bom senso, tudo pode para uma grande noite”.

O que há de preferido neste momento são os vestidos com renda. Tecido nobre e luxuoso, a renda vem com a proposta de resgatar o feminino. Além de ser romantismo puro, o tecido ainda possui um caimento que valoriza a silhueta da noiva.

Para pessoas especiais, presentes únicos “Quem presenteia, o faz com o intuito de agradar e de ser lembrado por meio lia Sampaio Zakir, que está há 32 anos no comércio de presentes de Bauru com a loja Lilia Presentes. Segundo a comerciante, quando o as-

sunto é presente de casamento, a tendência ainda é a procura por peças diferenciadas e especiais, como taças, peças de cristal e


34 M A I O - M Ê S D A S N O I V A S linha de porcelana, ou seja, produtos duráveis, bonitos e de bom gosto.

Usada já há algum tempo, a lista de casamento, deixada pelos noivos em lojas de presentes como opção para os convidados, é uma boa opção no preparativo da festa. Isso porque, segundo Lilia, com as sugestões, não há como ir contra o gosto dos noivos. Outra vantagem da lista é que ela evita o acúmulo de peças repetidas e a própria loja faz a entrega sem custos. “Com a lista, a vida dos convidados também é facilitada, já que ele sabe onde ir e quais produtos escolher”.

acessórios garantem o brilho Que noiva não gostaria de brilhar em seu casamento? E para iluminar ainda mais a data que será eternizada, nada gar valor ao vestido.

Nesta página: “Seu” Machado, 46 anos de enxovais.

Segundo Cynthia Bueno, da Jade Semijoias, uma boa opção para a igreja são as tiaras confeccionadas com o legítimo swarovski, que apresenta brilho próximo

ta. Vale atentar para o horário da cerido e acessórios. Casamentos pela manhã, por exemplo, eliminam a necessidade de brilho e, caso exista, deve ser sutil. Nesse -

Para os noivos, a dica de Cynthia são os elegantes acessórios de gravata, que devem seguir o estilo da noiva.

enxoval com personalidade “Seu” Joaquim de Oliveira Machado, da Ceará Magazine, atua no ramo de en-

xovais há 46 anos em Bauru. Ele aponta que, hoje, são as noivas que tomam as decisões na hora de escolher o enxoval. Diferente de antes, onde os pais e até as avós preparavam e compravam as peças. “Elas preferem comprar tudo pouco


35


36 M A I O - M Ê S D A S N O I V A S tempo antes do casamento. Acreditam que as peças ficam ultrapassadas e feias com o tempo. Não há mais o velho e conhecido baú de enxovais”, ressalta.

Hoje os produtos aliam tecnologia e design e precisam ser fáceis de usar. Procurados pelo público jovem, listras, texturas, gráficos, partituras e efeitos degrade aparecem no preto, azul marinho, variações de cinza, marrons e outras tonalidades intensas. Por outro lado, há o leve, feminino e romântico das estampas que vêm em flores sofisticadas e borboletas em tons de rosa e vermelho quase cinza. É o romântico prático que se destaca nos enxovais atuais.

cruzeiros são tendências de lua de mel Por muito tempo, destinos como Paris, Veneza, Roma, Cancun, Punta Cana

Nesta página:

e Sint Maarten eram soberanos na escolha dos recém-casados. Com as novas opções do setor turístico, o gosto dos casais está ficando cada vez mais diversificado, segundo Fabiana Youssef Tobias, da agência Almeida Viagens. Cruzeiros marítimos pela costa brasileira e os internacionais pela Itália, Grécia, Turquia ou pelo mar do Caribe fazem parte das tendências atuais. “Ainda para quem prefere sol e mar, o Tahiti enche os olhos com seus famosos bangalôs e paisagem paradisíaca”. Em território nacional, a procura é por resorts em Natal, Maceió, Porto de Galinhas e outras praias do Nordeste.

Fabiana conta que uma novidade é a busca por outro tipo de diversão. Uma tendência é Orlando, com a magia das compras e dos parques. Em Las Vegas há a possibilidade de um passeio de helicóptero na noite e de “brincar” de casamento com missa celebrada por Elvis Presley. E por que não fazer um passeio de balão na África do Sul? Basta saber qual é o verdadeiro desejo dos noivos para que a lua de mel seja uma lembrança inesquecível e permanente.

confeitaria em andares, tipo árvore, ou um bolo único em andares um sobre o outro. Há espaço e mercado para todos os gostos, até para os personalizados e temáticos. Já os recheios vão desde frutas naturais e comuns às exóticas. Nozes e crocante também são muito procurados.

Receita francesa, o macaron (um pequeno bolo arredondado e recheado de nozes, amêndoas, avelãs ou castanhas) já caiu no gosto do público bauruense. Segundo Alexandre, as encomendas são para casamentos, lembranças e festas em geral.

Doce sabor para todos os gostos Quem resiste aos doces e ao tradicional e esperado bolo de casamento? Assim como os enxovais, decoração e todo o universo que cerca os noivos, as guloseimas das festas de casamento também mudam com o tempo e com as novas tendências. Alexandre Gonçalves Modolo, da padaria Copacabana, diz que os formatos e desenhos do bolo dos noivos são variados, hoje. Enquanto uns preferem bolos pequenos, há os que optam pela

“elas preferem comprar tudo pouco tempo antes do casamento. acreditam que as peças ficam ultrapassadas e feias com o tempo. Não há mais o velho e conhecido baú de enxovais”


Um novo tempo, um novo Hospital.

Se depender de nós, Saúde não vai faltar. São os votos da família Beneficência Portuguesa para 2012!

Rua Rio Branco, 13-83 (14)2106-8600 www.beneficenciabauru.com.br


Fotos: edner santos

38 m k t e m p r e s a r i a l

“todo profissional precisa de novos desafios” Há 10 anos atuando com o Direito tributário, Yara Gonfiantini fala sobre seus novos rumos na carreira É cada vez maior o número de mulheres que se dividem ou se somam entre reiras que sonham e batalham para a rea-

-

-

-

-

Nova fase -

-

-

para assim que estabilizar essa sua nova -

início -

mulher e mãe

a profissional do direito também é profissional do lar. casada, Yara é mãe da pequena alice que está com 1 ano de vida.


Jefferson Previero é especialista em vinho e proprietário da Cantina Fratello. www.cantinafratello.com.br

Vinhos para comemorações Vinho: uns dizem que é a bebida dos deuses, outros dizem que é a bebida dos homens, só sei que é a bebida que faz bem ao corpo e a alma. O vinho é a única bebida viva, que nos seduz, e nos faz pensar nela, meditar e questionar seu sabor. Com a proximidade dos Dia das Mães e do Dia dos Namorados, duas datas que sempre queremos celebrar, nos vêm a vontade de brindar. Brindar nos remete ao vinho: bebida mais apropriada para comemorações. Dentre todas as opções existentes: tintos, brancos ou roses, espumantes, mos dizer que o vinho das celebrações é o espumante. É a bebida mais charmosa, refrescante e adequada ao nosso clima, além de contar com ótimas opções nacionais, já que os espumantes brasileiros têm sido muito bem avaliados pelas revistas especializadas e pelos especialistas em vinhos mundiais. Podemos começar nossas comemorações com uma garrafa de espumante, já que, segundo as regras, em um jantar deve se servir o espumante antes dos brancos e os brancos antes dos tintos. Mas, nada impede que depois de um espumante se tome um vinho branco ou tinto de sua preferência. Com muita frequência me perguntam qual é o melhor vinho. Digo que gostar de um vinho nada tem a ver com o fato de ser um bom vinho. Um bom vinho, avaliado positivamente pelos especialistas pode não agradar seu paladar, por isso o melhor vinho é aquele que melhor vai agradar ao seu gosto ou ao seu bolso. Nem sempre o

mesmo vinho pode agradar em diversas situações, pois devemos considerar a companhia, a comida, a temperatura e principalmente o seu estado de espírito.

Sem gastar muito Para quem não abre mão do espumante, mas não pode gastar muito, minha aposta é nos espumantes nacionais que tem bons preços e não perdem muito para os famosos franceses, porém para quem pode gastar, o ideal é comprar um verdadeiro champanhe. Dentro dos nacionais, temos a linha dos Brut, que são bebidas secas, os Demi Sec, que já possuem uma faixa de seguidores, e o Moscatel, que é uma bebida mais doce, com um teor alcoólico menor e que agrada um número maior de consumidores”. Um champanhe francês custa no mínimo R$ 300,00, já um espumante nacional varia de R$ 25,00 a R$ 200,00. O espumante pode ser consumido durante o ano todo, pois é refrescante e tem uma acidez gostosa. O brasileiro está começando a despertar o gosto pela bebida, o espumante passou a fazer parte dos cardápios das festas, o que é muito bom. Há quem não goste de vinhos espumantes, tendo preferência por um vinho tinto, o importante é brindar e comemorar. Neste caso recomendo para os nãos praticantes assíduos de vinho, vinhos chilenos ou argentinos, pois se trata de vinhos com um custo/qualidade melhor e que agrada o paladar da maioria. Nesse caso as opções são muitas. Já os praticantes de vinho têm suas preferências pessoais.

G A S T R O N O M I A 39

Dicas e recomendações Espumantes Maria Valduga, Miolo Millesime Brut, Casa Valduga 130 Brut, Salton 100 anos, Cave Geisse Terroir Nature, Prosecco Courmayeur, Valduga Gran Reserva Natura, Marson Brut, Don Guerino Brut, Chandon Excellence, Cave Pericó Espumante Brut, Dezem Brut e muitos outros. Champanhe Deutz, Gosset, Veuve Clicquot, Moët & Chandon, Legras & Haas, Duval Leroy, Bollinger, Ayala Majeur, Dom Pérignon entre outras. Como poderá observar minhas dicas de Champanhe foi por produtor, o mesmo farei para os tintos, pois a melhor forma de escolhermos um vinho é conhecendo seu produtor, a uva é uma escolha pessoal. Os produtores que recomendo são: Na Argentina: Catena Zapata, Angélica Zapata, O.Fornier, Kaiken, Bodegas Esmeralda, Susana Balbo, Luigi Bosca, Familia Zuccardi, Nieto Senetiner. No Chile, Errazuriz, Montes, De Martino, Tarapacá, Anakena, Viña Haras de Pique, Terranoble, Viña San Pedro, Concha y Toro, Santa Helena. Há tantas vinícolas que seria quase impossível selecionar todas. Vinho é uma bebida de congregação, de comunhão, de socialização e de união que motiva as reuniões e as pessoas em torno dela. Por isso brinde, celebre sempre. Saúde!!!

“Por mais raro que seja, ou mais antigo. Só um vinho é deveras excelente. Aquele que tu bebes calmamente. Com o teu mais velho e silencioso amigo” Mário Quintana


40 M K T E M P R E S A R I A L

Comida congelada diferenciada Fotos: Renan Casal/Colaborador

Com pratos finos e caseiros, a Chef Prontos e Congelados cresce em Bauru


41

Nesta página à esquerda: Daniel e Luciana, proprietários; direita: fachada da Chef Prontos e Congelados, na Comendador José da Silva Martha.

Foi pensando em reinventar o conceito de cesta de café da manhã que o casal Daniel e Luciana Baptista do Chef Prontos e Congelados, colocou em pratica um sonho antigo. “Quando pensamos em abrir nosso negócio a ideia inicial eram as cestas, mas como já fazíamos os congelados em casa, e a demanda estava ço”, conta o casal.

a cesta de café da manhã Em 2011, perto do Dia dos Namoracestas. Para começar, a cesta é na verdade uma bandeja que pode ir para a cama, dentro dela estão, de 4 a 6 tipos de pães, do francês crocante aos croissants de chocolate, do pão de batata recheado às fatias húngaras, que são assadas na hora e chegam quentinhas ao destino. Quer mais? Salada de frutas da época, manteiga francesa, geléia queensberry, frios, danones, iogurtes e achocolatados. O cliente pode ainda escolher a temperatura da água mineral francesa Perrier e da champagne Chandon Baby. Na caneca seguem sachês de chás, café, café com leite e capuccino, um verdadeiro café colonial.

Quando tudo começou Daniel Freitas Baptista trabalhava no ramo administrativo, contudo, tinha um

grande interesse por Gastronomia. Ele cozinhava para amigos e também para a sua família. No entanto, o que não contava Daniel, é que esse hobby se tornasse o ponto de partida para o início de um novo e lucrativo negócio. “Sem perceber, eu continuei cozinhando e isso acabou se tornando uma oportunidade para mim”. Com esse resultado positivo, Daniel Freitas Baptista e Luciana Campos Baptista decidiram abrir em 2008 a Chef Prontos e Congelados. O estabelecimento inicialmente oferecia aos seus clientes cerca de 50 variedades de pratos congelados.

Mignon com Manga Picante’.

Comida diferenciada para todos os públicos A venda de pratos congelados trouxe bons resultados para a Chef Prontos e Congelados. Segundo os proprietários do estabelecimento são vendidos em média 30 pratos congelados por dia e por conta disso, Luciana e Daniel começaram a diproporcionar aos estudantes de Bauru pratos feitos congelados individuais. O interessado pode montar seu cardápio de acordo com o gosto. Assim como os congelados convencionais, o prato voltado aos universitários foi um sucesso. Já contabilizamos a marca de cerca de 300 pratos vendidos por semana”, conta o casal.

Mesmo com esses resultados positivos, haviam clientes que desejavam mais praticidade. Eles queriam, de acordo com Luciana, ter uma comida pronta, que pudesse ser comida na hora, sem trabalho nenhum. Diante desse segmento, Daniel começou a oferecer o serviço de marmita e são um dos produtos mais vendidos aqui na Chef Prontos e Congelados, são em média 400 refeições por dia”, enfatiza.

Tudo isso com muita qualidade A qualidade e reconhecimento são pontos em que a Chef Prontos e Congelados se destaca. A empresa, que hoje conta com 10 funcionários, foi escolhida para servir comida para a produção do programa Caldeirão do Huck quando eles nhecimento do nosso trabalho. Queremos continuar levando comida diferenciada à população de Bauru”.

“hoje a marmita e o marmitex são um dos produtos mais vendidos aqui na Chef prontos e Congelados, são em média 400 refeições por dia”


42 G A S T R O N O M I A

Novidade mais do que

Fotos: ?????????????

Conhecido pelo sucesso com as batatas recheadas, o b.b. batatas traz nova opção: a picanha fatiada


43

gostosa no b.b. batatas IMAGINE VOCÊ um ambiente com um chopp extremamente gelado, com um atendimento simpático e agora com uma novidade exclusiva para a cidade: picanha fatiada no rechaud. Isso mesmo, o b.b. batatas, bar e ponto conhecido em Bauru pelas suas batatas recheadas inova e propõe aos bauruenses que reúnam seus amigos e tenham uma experiência de degustar um churrasco na mesa do bar. Trata-se, segundo Vinícius Brisola, do mais novo investimento do tradicional b.b. batatas para a cidade: “imaginem vocês, 600 gramas de picanha fatiada, mandioca, farinha, cebola temperada e pão. Tudo isso é entregue num rechaud de ferro, uma estrutura que parece uma mini churrasqueira, ou seja, queremos que nossos clientes passem bons momentos aqui no b.b. batatas”.

Batatas recheadas e picanha fatiada O novo serviço de churrasco artesanal está disponível inicialmente apenas aos sábados. Contudo, a intenção é de oferecer brevemente o serviço para os outros dias de funcionamento. Junto com a picanha fatiada, o cliente do b.b. batatas pode também apreciar um chopp diferenciado, que segundo Vinícius, leva o selo de qualidade da AMBEV. Uma opção a mais para o mais tradicional estabelecimento de batatas rechadas, que agrada o paladar dos bauruenses há mais de 25 anos!

Vai uma deliciosa picanha fatiada acompanhada de um chopp gelado???


Fotos: Divulgação

44 G A S T R O N O M I A

Bauruense se especializa na França

Deborah Franciscato e o doce sabor do L’Atelier Sucré CupCakes, os famosos bolinhos confeitados com gostinho de infância e encanto de festa, são a paixão da chef Deborah Franciscato. Tudo começou com eles, os cupcakes, no seu atelier de confeitaria, logo batizado de L’Atelier Sucré, porque além dos Cupcakes, os doces são a sua especialidade. Ou eram, até agora, porque logo mais ela volta de Paris com muitas novidades da culinária francesa.

Depois de se formar em Nutrição e em Gastronomia pela Universidade do Sagrado Coração de Bauru, Deborah foi buscar uma experiência internacional e está estudando na tradicional escola de Gastronomia Francesa, o Le Cordon Bleu, fundada em 1895 e uma das primeiras no mundo em formação culinária. O programa de 8 meses, com aulas da clássica confeitaria e cozinha francesa, confere o “Grand Diplôme” aos participantes,

com direito a mais alguns meses de estágio em uma confeitaria de Paris. Depois desse tempo de estudos e experiências, Deborah pretende trazer muitas novidades para o L’Atelier Sucré em Bauru, para que todos tenham por perto o sabor requintado da confeitaria francesa. A imaginação é algo mágico que pode nos levar aonde quisermos e no L´Atelier Sucré, com um toque de confeitaria, seus sonhos se tornam uma doce realidade.


Na página anterior: Chef Daniel Walter – chef de Confeitaria do Le Cordon Bleu; nesta página: foto da receita apresentada.

Cupcake de Baunilha com cobertura de Merengue Ingredientes:

45

ovos um de cada vez, incorporar bem, limpando sempre as laterais do bowl se necessário; com a batedeira na velocidade baixa, adicionar os ingredientes secos em 3 pardo os lados do bowl após cada adição; bater

(não derretida) demais); preencher ¾ das forminhas; assar por 20 a 25 minutos. Rendimento: 1 colher de sopa de essência de baunilha Modo de preparo: forminhas de cupcakes nas assadeiras; peneirar em um bowl a farinha, o fermento, o sal e misturar bem; misturar a baunilha com o leite e reservar; no bowl da batedeira, colocar a manteiga em pedaços, bater

Merengue Italiano Ingredientes: 60ml de água 5 unidades de clara 15g de pasta/geléia/essência Modo de preparo: Preparar uma calda (ponto de bala mole)

quando chegar aos 80°C começar a bater as claras na batedeira; assim que a calda nas claras e bater na velocidade máxima até esfriar; depois de frio, adicionar a pasta (a gosto).


46 E S P E C I A L M Ã E S - E S T I L O

À espera do

grande momento

Estas quatro mulheres aguardam ansiosas pelos seus bebês, mas outras nove já vivem a emoção de serem chamadas de MAMÃE. Confira o que diz cada uma delas


47

Ve j a m a i s e m h t t p : / / a z b a u r u . c o m . b r /

Meus meninos Maria Fernanda LeMos de aLMeida Martha MandaLiti e FeLipe tadeu da siLva Martha MandaLiti “Nenhuma experiência do mundo se compara à alegria de ser mãe. É aprender como amar alguém além de nós mesmos e poder sentir essa emoção que só quem é mãe sabe: o amor incondicional”

ana pauLa Martins deLazari e Gustavo Martins deLazari “Ser mãe é antes de tudo uma comunhão íntima entre duas criaturas. É dar sem precisar receber. É completar-se como mulher na tarefa mais sublime que o Senhor reservou à nós”

Giovana ranieri cassaB e Matheus ranieri cassaB “Antes de ser mãe achava que todas elas falavam a mesma coisa sobre vemos realmente que não tem como dizer algo diferente. Ser mãe é a melhor coisa do mundo”

veridiana siMonetti BaceLLar GarBuio LiMa e MiGueL BaceLLar GarBuio LiMa “Nenhuma experiência do mundo se dele pela primeira vez. Esses momentos intensos são apenas o começo de uma grande caminhada. Agradeço a Deus minha vida para melhor”


48 E S P E C I A L M Ã E S - E S T I L O

Em dose dupla MiLena Martins Fasano Maria vaLentina Martins Fasano e João GaBrieL Martins Fasano capaz de ter sentimentos tão fortes.

Maysa pinheiro chaGas Moço é mãe de Maria Laura pinheiro chaGas Moço e davi pinheiro chaGas Moço é mãe tem condições de avaliar corretamente a


Ve j a m a i s e m h t t p : / / a z b a u r u . c o m . b r /

Minhas princesas Mariana cardoso de Moura aidar e LeiLa de Moura aidar “Como minha mãe diz: é ter o coração batendo amor...” renata heiFFiG handeM santana e Maria eduarda handeM santana quando eu percebo que ela esta crescendo e se minha mão....”

cLaudia Mendes dias e soFia Mendes dias “Ser mãe é amar incondicionalmente. É preciso gastar o seu tempo. Ter a certeza de que são amados e podem crescer de verdade”

49


50 E S P E C I A L M Ã E S - E S T I L O

Ve j a m a i s e m h t t p : / / a z b a u r u . c o m . b r /

Falam as futuras mamães nathaLia dos anJos

MarceLa taGLiani riBeiro “Uma mulher que acaba de se

e de verdade. O Ser mãe é a maior

o que vem pela frente. Ela faz uma ideia. A teoria é bem diferente de ‘viver

privilegiada e agradeço todos os dias

carMen sosa viÑas

Mayra FoLoni e a partir daí um novo mundo nasce: um mundo de sonhos e expectativas.

melhor.” transformada para sempre.”

Alegria e brincadeiras... O ensaio fotográfico era das mães*... mas quem fez a festa mesmo foram os filhos

Fotos: Claudia Garrido

*

Bastidores

produção: aMBientação: Ornamentali FiGurino:


AZ! GENTE ESPECIAL MÃES

P o r D a n i e l a Fa l a s c a

57

As mães e seus filhos em demonstração de afeto explícito

Fotos: Daniela Falasca/Colaboradora

Amor elas e eles


Ve j a m a i s e m f a c e b o o k . c o m / A Z B a u r u

58


52 E S P E C I A L M Ã E S - P E r f I L

Oito décadas de amor pela vida Fotos: renan Casal/Colaborador

Exemplo de profissional, de mãe e de mulher de fibra, a fazendeira Adzir Trentin regueiro conta sua história para a AZ!

Aos 81 Anos de idade, as primeiras impressões que ela passa são de vitalidade e de

-

-

-


Na página anterior e nesta página: Dona Adzir jovem e hoje exibindo com orgulho parte de sua história.

-

Primeira mulher no curso de pilotagem

“Fui mãe duas vezes” -

-

53


54 E S P E C I A L M Ã E S - P E r f I L “Amo o vento, que leva as nuvens como plumas coloridas, balançando as árvores, derrubando folhas e flores que se espalham pelo chão, forrando qual tapete as calçadas por onde passa o amor...” (Adzir, 15/07/1990)

-

-

saúde para dar e vender

Casamento e família -

-

-

-

Fazenda Independência -

sentImentos e vIdA no PAPel -

A mulher, hoje -

Talvez outro segredo de dona Adzir para envelhecer com disposição e saúde esteja nas palavras. Isso mesmo. Para recordar e celebrar seus sentimentos e momentos, a professora aposentada escreve. “Sempre gostei muito de ler e de escrever. Quando estou quietinha, gosto de externar meus sentimentos e pensamentos sobre a vida e sobre o amor em palavras, em versos ou prosa”.


MATERNIDADE

55

A hora de ser mãe

A gravidez pode ser repentina e uma surpresa. Mas nos dias de hoje é mais uma questão de escolha pessoal e cada vez mais tardia PARA A PSICÓLOGA Ana Paula Aissa, a gravidez é uma etapa de crescimento para a mulher. Para muitas mulheres ocorre

exclusivamente de você. Há uma mudança grande nas mulheres, é algo instintivo. chegar”. Por essa mesma razão, a gravidez depois dos 30 anos está cada vez mais frepor falta de independência dos pais, por não encontrar o par ideal ou por privilegiar

anos de idade. Para a doutora Lucienne Adorno, independente da idade de mãe, a vida deve seguir normalmente, com alguns cuidados

Foto: Cláudia Garrido/Especial para AZ!

pacto como a hidroginástica, estar sempre com o rosto utilizando protetor solar e no corpo muito hidratante para prevenir as linfática para melhorar a circulação, evitar inchaço e relaxar muito. Com isso ela terá gestação. Acompanhe algumas histórias e surpresas deste momento tão especial.

As surpresas na carreira profissional de Lívia Lívia Leme é formada em Pedagogia sional estava progredindo. Para completar


Na página anterior: Angela e Lara, na maior felicidade; nesta página à esquerda: Andrea curte Daniel; à direita: Lívia aos 5 meses de gestação.

Foto: Tiago Luiz/Colaborador

Foto: Cláudia Garrido/Especial para AZ!

56

sua felicidade, casou-se com seu namorado Matheus Anunciação em 2010. No grado Coração. E veio a surpresa: “inicial-

era algo natural e já estou superando”. “A gravidez tardia pode até parecer um risco para a saúde, mas estou muito feliz

tive apoio integral da minha família e do

o resto da vida. Exige dedicação, mas traz uma felicidade indescritível”, acrescenta.

me apoiando”. Lívia não concorda com a opinião de -

Depois dos 30 -

milagre de Deus. Eu pretendo ainda neste

não mudará”.

do voltar para Bauru, onde minha família

A gravidez tardia mada em Pedagogia. Iniciou sua carreira ditivas no campus de Bauru da Universi-

te de engravidar. Procurou um médico e iniciou tratamento para conseguir ter um

ela, exige uma dedicação grande e com veio depois. -se aos 36 anos. Após se casar, a pedagoga iniciou um tratamento para engravidar:

“Aprendi que ter um filho é uma responsabilidade para todo o resto da vida. Exige dedicação mas traz uma felicidade indescritível”

Recomendação saudável Uma novidade impensável para muitas avós e bisavós seria fazer exercícios físicos, como hidroginástica. Mas é hoje uma das melhores recomendações para a saúde da mãe e do bebê. A dra. Lucienne que também é fisioterapeuta da Clínica Hidrus, enumera os benefícios: * Melhor condicionamento físico * Fortalecimento de músculos específicos, como os abdominais. * Efeitos terapêuticos do contato com a água, como a massagem, o relaxamento. * Beneficia a manutenção do peso através de exercícios aeróbicos, onde as gestantes devem ser monitoradas com frequencímetro, objetivando respeitar os limites do batimento cardíaco materno. * Melhora a postura, o sistema cardiovascular e respiratório. * Sono mais profundo durante a noite.

Importante: em geral, as gestantes estão liberadas para a hidroginástica após o terceiro mês de gestação, mas é importante ressaltar, que para iniciar essa modalidade, é preciso de uma autorização do obstetra, o que toda clínica, academia, ou profissional da área deve exigir. A gestante poderá praticar a hidroginástica durante toda a sua gestação, salvo se a recomendação médica a impedir. Lembrando que as aulas devem ser ministradas por fisioterapeutas.


João Piccino é advogado, especialista em Direito Tributário pela FGV, pósgraduado em Direito Público pela PUC-MG, professor de Direito Tributário na pós-graduação das Faculdades Integradas Rui Barbosa e professor convidado de Prática de Processo Civil na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul.

S E U D I R E I T O 59

O fim do

noivado e o dano moral De tempos em tempos ressurge a discussão sobre a ocorrência ou não do

não do dano, uma pequena passagem pela origem da obrigação de indenizar, que deobrigação de reparar ou de ressarcir o dano,

-

-

qual podemos imaginar a obrigação no -

Assim, poderemos com facilidade saber de -

Para que possamos pensar em respon-

concluiu pela reação? -

-


60 D I A D O S N A M O R A D O S

Namorados dos tempos modernos Fotos: Tiago Luiz

Muitos já tentaram definir este sentimento, outros escreveram obras tentando descrever esse conceito tão complexo e pessoal: o que é o amor?

PARA MUITOS o amor é um sentimento ligado diretamente à família, para outros o amor está relacionado a compartilhar momentos com amigos. Bruno Vieira e Clícia Louzada; e Maria Helena Gamas e Norival Agnelli são pessoas com histórias diferen-

de Ensino Superior de Bauru – IESB. Mas esse sentimento.

Entre idas e vindas Clícia Louzada e Bruno Vieira estudaram juntos o curso de Design no Instituto

apenas colegas de curso. Após se formarem, cada um seguiu com sua carreira em busca de uma oportunidade de trabalho. -


Na página anterior: Maria Helena Gamas e Norival Agnelli; nesta página: Clícia Louzada e Bruno Vieira.

61

uma agência e decidiu entrar em contato com ela para tentar uma vaga: “a Clícia acabou me ajudando a entrar na agência e dessa forma passamos a trabalhar junum e-mail elogiando a sua beleza e ela me respondeu um ‘obrigado’ apenas”. Foi a investidas por parte de Bruno. Nessa época, Bruno recebeu uma proposta para trabalhar em São Paulo e acabou saindo da agência e se afastando de Clícia. Ela também realizou uma viagem para o Canadá e chegou a cogitar de 1 mês depois, ambos decidiram voltar para Bauru e se encontraram mais uma vez trabalhando na mesma agência: “o não aceitasse continuar trabalhando em São Paulo. Acabamos trabalhando juntos mais uma vez na mesma agência. A difete entre nós”, esclarece Clícia. Para Bruno e Clícia o fato de terem trabalhado juntos foi um fator decisivo para O casal já está junto há anos e pretende se casar em maio deste ano. Ao falarem sobre o outro passar a acreditar no amor, a sonhar. Nós agora pensamos como uma pessoa só. Temos o objetivo de, juntos, construirmos algo. Nosso apartamento já está comprado e o casamento será uma forma de selarmos nossa história”.

O segredo de quem convive há mais de 20 anos juntos Norival Agnelli e Maria Helena Gamas se conheceram casualmente em um evento acadêmico no ano de 1984. Conta Agnelli

rencial de Agnelli é a sua capacidade comunicativa. A partir desse episódio os dois iniciaram um relacionamento e já no ano seguinte, em 1985, passaram a viver juntos. O convívio trouxe para o casal um grande conhecimento e crescimento mú-

guir pela carreira acadêmica foi o Agnelli.

Convivência de 27 anos, deve ter um segredo, ou não? “O segredo do amor é saber compartilhar. Todo relacionamento tem seus altos e baixos, mas o crescimento humano só decorre com base no respeito

Maria Helena é jornalista e foi docente da Universidade Estadual Paulista.

nossa vida, lembramos de momentos es-

para Agnelli incentivando-o nos seus projetos pessoais: “a Maria Helena foi uma

respeito e compartilhamento”.

meu lado”, explica o engenheiro e docente

“O segredo do amor é saber compartilhar”


62 E N S I N O S U P E R I O R

Perfil para educação ajuda a revelar novos talentos

Fotos: Tiago Luiz/Colaborador

Diversidade de ideias, universidades bem conceituadas e afluxo de estudantes de fora revelam profissionais diferenciados


Na outra página: Rafael Arrivabene; nesta página: Lívia Pereira.

63 “Ter conseguido tão jovem se tornar uma escritora foi algo fantástico. sem dúvida todas essas oportunidades que tive têm relação direta com o ambiente de Bauru. Ainda não estou completa, mas estou num bom caminho para me tornar uma escritora”

Os númerOs sãO impressionantes. Bauru tem uma população de 335.888 mil habitantes e tem 22.230 alunos matriculados em cursos presenciais de Ensino Superior na cidade de Bauru. Destes, 16.398 estão em instituições particulares de ensino e 5.832 estão em instituições públicas. Bauru está na 12° posição no ranking de número de alunos no Estado de São Paulo. É o que divulga o Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo – Semesp.

Bauru e o ensino superior A revista AZ! levantou dados com as 7 instituições de ensino superior da cidade que mostram que o município é referência no que diz respeito ao Ensino Superior. Bauru oferece por meio de suas instituições 129 opções de cursos de graduação, são 357 projetos de extensão à comunidade e 739 projetos de iniciação Para o pesquisador e especialista em História Social, Maximiliano Martin Vicente, Bauru realmente tem uma vocação com o Ensino Superior: “particularmente penso que é sim um ponto relevante se pensar no ensino superior como uma das atividades primordiais de Bauru. Aliás, a educação como um todo movimenta a cidade. O ensino privado cresceu principalmente por causa da ascensão de classes econômicas antes excluídas. Temos hoje uma multiplicação de cursos e universidades. Isso traz questões como a mercantilização do ensino, mas também traz avanços na produção de conhecimento”. Essa quantidade de instituições e de cursos atrai pessoas de todo o Brasil. Lívia Pereira e Rafael Arrivabene, por exemplo, encontraram um ambiente adequado para progredir em suas áreas. Ambos conseguiram, embora recém-formados, ganhar reconhecimento com seus projetos e já se tornaram escritores em suas respectivas áreas.

O designer que gosta de registrar ideias Rafael Arrivabene é natural da cidade de Itanhaém, no litoral do Estado de São Paulo. Quando prestou vestibular decidiu vir para Bauru estudar Design na

Unesp. Logo que se mudou para a cidade, Rafael percebeu que havia um ambiente diferente do que estava acostumado: “aqui é um local muito acolhedor. Ene pude com elas trocar ideias e aprender muito. Como sou uma pessoa que gosta de ouvir e também de questionar, ter essa oportunidade foi algo que me marcou de imediato”. Rafael conta que tinha o hábito de reEle fazia isso porque tinha interesse em aprender e retransmitir o conhecimento vindo dos outros: “cada pessoa tem uma interpretação única das coisas, por exemplo, quando via pessoas discutindo sobre o que era Design, acabei percebendo que isso era um conceito aberto para a maioria das pessoas. Tanta diversidade de opiniões me instigou e me fez querer ouvir mais e mais as opiniões”. E foram essas conversas que motivaram Rafael a fazer um projeto diferente. Ele decidiu escrever um livro que falasse sobre os mais variados assuntos com base em pessoas com quem teve contato em sua

experiência na cidade. O livro, o qual ele apresentou como projeto de conclusão de curso, foi lançado em versão impressa e também em versão on-line: “minha obra é um passeio mental sobre vários assuntos. Não espero uma interpretação única sobre o material, até porque todas as pessoas são diferentes e podem ter interpre-

como “Design – Projeto Mutante”. O material já virou referência acadêmica para estudantes de Design e também por conta de seu trabalho, Rafael foi convidado a participar de palestras. Ao falar do seu futuro, reconhece a importância de Bauru e seu ambiente educacional: “eu gosto de transmitir conhecimento e em Bauru há muita diversidade de ideias e eu continuo as registrando”. O livro de Rafael Arrivabene pode ser lido no site www. projetomutante.com.br/livro.

A jornalista escreve histórias fantásticas Lívia Pereira desde criança teve o sonho de ser uma escritora. Na época em


64 E N S I N O S U P E R I O R que prestou o vestibular, Lívia manteve seu sonho em mente e escolheu fazer o curso de jornalismo, pois segundo ela, seria uma forma de poder alcançar seus objetivos: “eu pretendia usar o jornalismo como minha fonte de renda e ao mesmo tempo tentar publicar o material que eu produzisse. Esse era o meu plano quando eu ingressei na Unesp. Sou natural de Botucatu e tinha uma imagem da cidade de Bauru como um local acolhedor, que tem ca ela. Lívia ingressou no curso de Jornalismo da Unesp no ano de 2009. Durante os primeiros anos do curso, começou a elaborar roteiros de livros, ou como ela mesma chama, histórias inacabadas. E as mostrou para pessoas nas quais tinha No começo do ano passado, Lívia decidiu participar de um concurso para a publicação de um livro de contos. A editora buscava criar uma antologia escrita apenas por mulheres. Foi escolhida a temática Steampunk para o conteúdo do livro. “Trata-se de um gênero que mistura fantasia com a tecnologia antiga a vapor, por exemplo. As pessoas deveriam submeter os contos sob essas condições”, explica Lívia. O conto escrito foi intitulado de “A arma”. Passados três meses, Lívia recebeu uma resposta da editora e conseguiu publicar seu conto na antologia chamada Steampink. O título faz referência ao gênero Steampunk e à cor pink, pelo fato de ser uma obra escrita só por mulheres.

UNIVERSIDADE

“Ter conseguido tão jovem se tornar uma escritora foi algo fantástico. Sem dúvida todas essas oportunidades que tive têm relação direta com o ambiente de Bauru. Ainda não estou completa, mas estou em um bom caminho para me tornar uma escritora”. O livro Steampink está à venda nas livrarias e mais informações os leitores da AZ! podem ter no site http://editora. estronho.com.br/.

Instituições privadas conquistam seu espaço Não é só em números que as instituições particulares se destacam em Bauru. A Universidade do Sagrado Coração, por exemplo, tem uma relação com a cidade de mais de 50 anos. A USC foi fundada em 1953, por autorização do então presidente Getúlio Vargas. Atualmente a instituição se destaca oferecendo à população vários programas de extensão à comunidade. Segundo dados da instituição, são 12 clínicas que oferecem serviços nas áreas de Psicologia, Fonoaudiologia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional e Odontologia, que já atenderam a mais de 35 mil pessoas, segundo dados de 2010. Atualmente, a USC organiza uma campanha para a coleta de óculos de sol e de grau para serem doados às comunidades carentes.

curso de Direito. A avaliação foi do MEC (Ministério da Educação e Cultura). Segundo ressalta a própria instituição, o curso de Direito se destaca por oferecer além das aulas tradicionais de segunda a sexta-feira, atividades complementares todos os sábados, como o curso preparatório para o exame da OAB. Para a comunidade há também o Serviço de Assistência Jurídica (SAJU). As aulas do curso de Direito são 100% presenciais e os alunos também têm a oportunidade de publicar suas pesquisas acadêmicas por meio da revista JurisFIB. Nela também estão presentes artigos dos mais renomados juristas do país. Além disso, a FIB tem seu corpo docente quaprograma “O Direito é todo seu”, em que os principais nomes da comunidade jurídica da região discutem sobre os temas da atualidade.

“Temos hoje uma multiplicação de cursos e universidades. Isso traz questões como a mercantilização do ensino, mas também traz avanços na produção de conhecimento”

FIB obtém qualificação máxima do meC Já a FIB – Faculdades Integradas de Bauru – fundada em 1998, se destaca por

Alunos graduação Cursos graduação

Extensão universitária

Iniciações científicas (ano)

Alunos pós

Cursos pós

Docentes

USP

352

2

7

36

316

9

115

UNESP

5013

18

231

170

716

13

358

USC

6000

43

96

39

**

52

267

ITE

*

*

*

*

*

*

*

IESB

1600

11

**

**

***

***

94

FIB

2100

14

80

310

220

18

170

ANHANGUERA

**

23

12

26

**

26

**

UNIP

4500

23

6

18

250

12

250

* A não divulga informações à imprensa ** Informações não disponíveis *** Cursos não oferecidos


66 N E G Ó C I O S

Economia aquecida em Bauru

Fotos: Renan Casal/Colaborador

Município registra mais de 3,7 mil novas empresas em 2011

A JuntA ComErCiAl do Estado de São Paulo (Jucesp) apresentou um aumento de 24% no número de empresas constituídas em 2011 no município de Bauru. No ano passado, foram registrados um total de 3.786 empreendimentos na cidade, frente a 3.035, em 2010. Desse total, 92% representam micro e pequenas empresas (3.504). O levantamento leva em consideração a soma de constituições deferidas pela Jucesp com o número de formalizações do programa Microempreendedor Individual (MEI), em prática desde julho de 2009.

O programa trouxe novas oportunidades para os trabalhadores que atuavam na informalidade. Agora esses empreendedores passaram a ter melhores condições para crescer e prosperar, com direito a todos os benefícios previstos em lei.

representatividade O Estado de São Paulo é líder no registro de novas empresas no Brasil, com 33,1% de participação no ranking do Departamento Nacional de Registro de Comércio (DNRC). Minas Gerais ocupa a segunda posição, com 9,4%, seguido por Paraná (7,9%), Rio Gran-

de do Sul (7,4%) e Rio de Janeiro (6,6%). Em 2011, foram registrados um total de 444,6 mil empreendimentos no Estado.

Sociedades limitadas Dentre os tipos jurídicos tradicionais, com exceção do MEI, as sociedades limitadas foram as preferidas dos empreendedores paulistas no último ano, com 51% do total. Os empresários individuais representaram 48% e as sociedades anônimas 1%. Para o presidente da Jucesp, José Constantino de Bastos Júnior, o cenário poderá sofrer variações nos próximos anos. “Os


Na página anterior: Sofia Olbrich aposta com nova loja em ponto nobre; nesta página: For Me Boutique, inaugurada em abril; à direita e abaixo: La Terrasse, novo empreendimento de 2011.

registros de microempreendedores individuais deverão continuar crescendo durante um período até se estabilizarem a longo prazo, abrindo caminho para transformações em modelos que permitam a ampliação do porte empresarial,” diz. Segundo ele, também há expectativas quanto à criação da Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (EIRELI). “O modelo surgiu no início do ano como uma alternativa contra a formação de empresas que utilizam pessoas irregularmente como sócias, para que o empresário possa usufruir sozinho das condições de limitação de responsabilidade na atividade empresarial”, explica.

la terrasse Um exemplo do que houve no ano passado, uma aposta empresarial na cidade foi a inauguração, em novembro de 2011, do LA TERRASSE espaço que completa o projeto TÂNIA BOUTIQUE de unir MODA, DECORAÇÃO & GASTRONOMIA no mesmo local. Dorival Tadeu Dias Capelini, proprietário, aposta na cozinha contemporânea

67

servida em três diferentes ambientes e tem percebido boa receptividade dos bauruenses da Zona Sul, que aderiram à novidade. Com espaço para eventos, o LA TERRASSE já aponta crescimento nestes primeiros meses de atuação, sendo mais uma elegante opção para festas empresariais, casamentos e aniversários no charmoso terraço com vista panorâmica.

For me e Sofia olbrich E a prova de que Bauru deve crescer ainda mais em 2012, com números que vão surpreender no nicho de negócios classe A, é a inauguração há poucos dias de dois novos pontos da moda na zona nobre da cidade. Um deles é a For Me, boutique especializada em moda feminina, com excelentes instalações, na rua Neder Issa, importante corredor rumo ao início da Getúlio Vargas, onde o espaço físico é muito disputado. Na área de design de jóias, está a inovadora de criação na avenida Comendador José da não deixa a dever às grandes capitais.

Empresas criadas em Bauru Ano 2010 2011

Total 3.035 3.786

Micro e pequenas empresas 2.799 3.504

MEI 1.345 2.303

Fonte: Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp) e Receita Federal do Brasil


AZ! GENTE

Por Luciana Spetic

68

Festejando 25 anos de joalheria a grife Sofia Olbrich vira atelier Fotos: Renan Casal/Colaborador

No dia 20 de marรงo, o altos da zona sul de Bauru ganhou um novo e requintado espaรงo: festejando 25 brich abriu atelier. Aqui estรฃo os local que tem a assinatura do arquiteto Marcos Caracho. -


Ve j a m a i s e m f a c e b o o k . c o m / A Z B a u r u

69

Assenag Bauru empossa sua nova diretoria

Fotos: Edner Santos/Colaborador

quitetos e Agrônomos de Bauru, em concorrida festa de posse, onde prevaleceu a amizade e a confraternização entre os presentes. A gestão é para o biênio 2012/2014.

Fotos: Edner Santos/Colaborador

Amigos do JOÃOBIDU


70 A Z ! G E N T E

inaugurada em alto estilo A recepção aos convidados aconteceu em três dias seguidos de festa sanello trouxe para a cidade peças lindas, para mulheres de bom gosto. Sucesso e parabéns a todos que participaram dessa conquista!!

Fotos: Renan Casal/Colaborador

For Me


Ve j a m a i s e m f a c e b o o k . c o m / A Z B a u r u

FIB recebe governador em grande estilo recepcionado pelas autoridades na

Fotos: Divulgação

aonde os docentes e os alunos vêm cada vez mais sendo reconhecidos no meio acadêmico.

71


Owzone Social Coworking que querem locar um lugar adequado para trabalhar, receber clientes, os melhores momentos da festa de inauguração.

Fotos: Renan Casal/Colaborador

72 A Z ! G E N T E


onde encontrar Jardim Secreto www.jardim-secreto.com duo Pink www.duopink.com.br emar Batalha www.emarbatalha.com.br lino VillaVentura A venda na www.farfetch.com.br Valentino A venda na www.farfetch.com.br Prieto Sugar atelier de doceS e BoloS www.prietosugar.com.br art inVitte conViteS www.artinvitte.com.br roSaS VermelhaS de Seda A venda no www.etsy.com Bonini Wanderley gonfiantini – Sociedade de adVogadoS Avenida Getúlio Vargas, 21-51, sala 101. (14) 3245-0046. WWW.latelierSucre.com.Br Facebook: L’AtelierSucré Deborah Franciscato PeeP toe de cetim www.esdradesign.com.br Joalheria Pandora www.pandora.net conVite dom BoSco www.domboscofestas.com.br antoniette Bem-caSadoS e lemBrançaS Contato: Renata Reis antoniette.bemcasados@gmail.com ViVara www.vivara.com.br ateliê faBiola & liana www.fabiolaeliana.com.br raSteirinhaS PerSonalizadaS Celebration Shoes Contato: Luciana http://rasteirinhaspersonalizadas.blogspot. com.br Bia SandoVal www.biasandovalonline.com.br

S E R V I Ç O 73

litt A venda na For Me Boutique – Bauru SP (14) 3206-0079

Per BamBini R. Antônio Alves, 23 -35 (14) 3226-4054

glória coelho A venda no www.oqvestir.com.br

dÁ PÁ Virada R. Júlio Maringoni, 12-25 (14) 3245-4800

óculoS de Sol Balenciaga Informações 0880-7012097 cau chocolateS www.cauchocolates.com.br hoSPital Beneficência PortugueSa Rua Rio Branco 13-83 Centro Bauru -SP (14) 2106-8600 oWzone Social coWorking Av. Comendador José da Silva Martha, 9-19, Estoril Bauru - SP feliVel Av Rodrigues Alves 23-23 Vila Cardia Bauru (14) 3235-9000 for me Boutique Rua Neder Issa 2-50 Jd. Aeroporto Galeria 53 (14 ) 3206-0079 maiSon Xok Rua Araújo Leite 32-08 Jd. Aeroporto (14) 3234-3374 faculdadeS fiB Rua José Santiago quadra 15 Jardim Ferraz (14) 2109-6200 SPettacolo Av Getúlio Vargas, 8-48 (14) 3223-2323 Sofia olBrich Comendador José da Silva Martha 5-52 Estoril (14) 3204-7029 ótica Snell R. Gustavo Maciel, 22-47 (14) 3234-9020 BB.BatataS Rua Gustavo Maciel 22-06 Jd Nasralla (14) 3234-2309

hector alBertazzi www.oqvestir.com.br

ornamentalli R. Araújo Leite, 36 -73 (14) 3214-1517

muuBaa Letícia Capelozza – Bauru (14) 3202-6391

Jade R. Antônio Alves, 30-18 (14) 3879-1995

mammy’S R. Neder Issa 1-80 Galeria Santa Maria (loja 2) (14) 3245-9775 coPacaBana R. Rio Branco, 15-28 (14) 3214-1400 cearÁ magazine R. Rio Branco, 22-16 (14) 3234-3533 lilia PreSenteS R. Antônio Alves, 23 -15 (14) 3223-0400 almeida ViagenS R. Gustavo Maciel, 21-80 Galeria 21 Center (14) 3204-0499 chef ProntoS e congeladoS Av.Comendador José da Silva Martha 5-24 Estoril (14) 3204-7029 tania Boutique / la terraSSe Rua Julio Mesquita Filho, 1-70 Jd Aeroporto (14) 3234-1476

contatos editoriais dr. JoÃo Piccino E-mail: joão@piccino.com.br JefferSon PreViero E-mail: fratello@cantinafratello.com.br roBerta lamBertini VargaS (proprietária da Magnus Noiva & Festa) Endereço: Avenida Getúlio Vargas 17-28, Jd Aeroporto, Bauru/SP (14) 32274488 www.magnusnoiva.com.br Vestidos: San Patrick - Pronovias Studio gil milagre Virgílio Malta 13-35 (14) 8146-5269 atençÃo faBricanteS e loJiStaS: Qualquer alteração de endereço e telefone deve ser informada através do e-mail contato@azbauru.com.br, ou pelo telefone (14) 3879 0348


74 E D U C A Ç Ã O

Paula Rocha é, formada em Pedagogia e pós-graduada em Jogos Cooperativos. Tem experiência no desenvolvimento de programas voltados para gerenciamento de tempo, organização de trabalho e treinamentos diversos para todos os tipos de público.

família em primeiro lugar. Tenha (um bom) tempo para ela!

que não realizou. Junto das lamentações, vem o desânimo e a sensação de que a sua vida simplesmente passa... dia após dia. A única forma de mudar isso é lembrar que você é o dono do seu tempo e para que ele seja melhor aproveitado é necessário Planejar! Não deixar as coisas acontecerem! Sem planejamento é comum dar prefe-

Ilustração: Sumati

Organize suas tarefas e passe um tempo saudável ao lado das pessoas que realmente importam na sua vida! Quando se fala em gerenciar o tempo, o que vem à cabeça é a rotina de obrigações, diretamente ligada às atividades de trabalho e estudo. Porém, para estar com a família, ter momentos de lazer, curtir os amigos ou mesmo cuidar de você é necessário fazer uma programação prévia ou você se lamentará por apenas ter tempo para cumprir as

ou passeios em alguns dos feriados prolongados, que serão muitos este ano. Mas, atenção: o importante não é Quantidade do tempo, mas sim a Qualidade! Quando estiver com a família é im-

que é importante. A família é importante! Porém, não é urgente estar com ela, por de pessoas que compreendem os seus deslizes, geralmente é a mais afetada. Então, do plano, determine qual será o tempo que você destinará a ela. de semana, uma viagem nas férias de julho

ao telefone celular. É importante mudar o hábito de estar presente em uma tarefa, porém com os pensamentos em outro lugar. Este comportamento, com o passar do tempo gera um sentimento de incompetência, pois o momento com a família não é aproveitado 100% e as tarefas também não serão realizadas da melhor forma.

Concentre-se: gerenciar o tempo é também organizar o que fazer primeiro, em segundo e assim por diante. Uma coisa ou uma grande invenção para gerenciar o tempo que não seja a sua própria vontade. Se não houver comprometimento, planejamento e disciplina uma agenda de última geração resolverá o seu problema. Estamos falando de atitude! É necessária a vontade de querer fazer as coisas acontecerem com menor esforço. Planejar é organizar! Planeje-se para estar com sua família de corpo e alma!


Revista AZ! - Décima edição  

Toda edição de AZ! traz enfoques empresariais, quase sempre perfis de homens que se destacam nesta vida bauruense e, agora da região, também...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you