Page 1


BRASIL E MATO GROSSO

Bolsonaro e Mauro Mendes

Aquilo que a revista Agora defendeu nos últimos 40 anos e os brasileiros, já no fundo do poço entenderam, começa a produzir os resultados esperados

O

trabalhador brasileiro pagou, no período pós governos militares, um preço social e moral alto demais sustentando quadrilhas instaladas em todos os quadrantes dos governos federal, estaduais e municipais. Exploração dos índios em nome de protecionismo e assistencialismo por ONGs que nada mais são do que organizações custeadas por capitais estrangeiros interessados nas riquezas brasileiras, principalmente Bolsonaro: com apoio do povo tudo dará certo as amazônicas. Quadrilhas de advogados e médicos inescrupulosos instaladas dentro da Previdência Social desviando milhões acabaram quebrando o sistema e todos sabemos que os trabalhadores ativos contribuem pagam o suficiente para custear as aposentadorias dos inativos e até sobrar dinheiro mas essas “máfias” acabaram por provocar rombos que desequilibraram o sistema e agora uma reforma se faz necessária urgentemente. Organizações lesacondutores instalaram radares ou fiscalizações eletrônicas em todas as curvas e lombadas das estradas brasileiras com a finalidade única de extorquir dinheiro dos condutores e jamais em nome da segurança, uma forma de arrecadação imoral e injusta. O povo brasileiro custeando nações comunistas como Cuba, Venezuela e nações africanas em nome de ‘Mais Médicos”, portos e outras tramoias organizadas nos governos petistas e o surgimento do crime como destruição de experiências científicas, trucidação de rebanhos prenhes e invasão de propriedades produtivas por malditas, perversas e abomináveis organizações que deveriam há muito estar na clandestinidade, esses detestáveis e ilegais MST, MLT e coisas da mesma laia. O cáos moral, político e administrativo. E nós aqui sempre criticados até então por defender a moral e o desenvolvimento dos tempos dos governos militares, tempos de Brasil Grande de sonhos realizados. Mas o brasileiro cansou de ser explorado e sem direitos sociais proporcionais àquilo que tem direito pelos impostos pagos e progresso da pátria, principalmente no agronegócio. Ele saiu da condição de roceiro e foi promovido a produtor rural de alta tecnologia e merece o melhor e aí resgatou os bons tempos nas eleições de 2018 elegendo Jair Messias Bolsonaro presidente e dentre os governadores, cá na Terra de Rondon e campeã do agronegócio brasileiro o empresário Mauro Mendes, governador de Mato Grosso. Destarte todas as esperanças essa mesma “carga” depositada sobre os ombros do capitão presidente é pesadíssima. São anos e anos de demandas reprimidas em todos os setores com destaque para o moral e o nacionalismo legítimo mas com a ajuda de todos nós chegaremos lá. São 34 anos de desencontros e demandas reprimidas a partir de 1985. O Governo Jair Bolsonaro tem sido acusado de “queimar a largada” com alguns ditos que foram desditos, ministérios que eram para ser 15 e acabaram sendo 22, reformas agrárias que seriam feitas depois não seriam, ministros desmentindo presidente etc. Peca-se no varejo mas o atacado ainda está intacto e o presidente, claro, não é um executivo profissional portanto é passível de enganos na busca pelos acertos e temos que conviver com isso por um bom tempo ainda. Em Mato Grosso também não é diferente já que no Brasil e também no Estado, anos e anos de falcatruas não vão desaparecer do dia pra noite

num passe de mágica mas, da mesma forma que Bolsonaro, Mauro Mendes também, com a ajuda de todos os bons brasileiros, que graças a Deus é maioria vamos acertar e melhorar a vida de todos os brasileiros.

GOVERNO DO ESTADO

Mauro Mendes “só não pode parar o relógio pra ver se economiza tempo”, ou seja, pecar contra o princípio número um das democracias que é a transparência. E com isso ele não só pode como deve enxugar a máquina pública à exaustão, para isso foi eleito e, dentre outros cortes eliminar secretaria ou gabinete, estatais, de comunicação social mas nunca a comunicação social. E, claro, nós do jornalismo, Mauro Mendes e o vice Pivetta: “destruir da mídia, das imagens, do rádio e o corporativismo para atender as dos sites vamos colaborar com o demandas do povo e contribuintes” governo nesse período de “vacas magras” dos primeiros 100 dias e até mais sem jamais abdicar do direito de compensação financeira aos Informes Publicitários que divulguem todas as transparências. Isso aí já não é jornalismo é publicidade. Mato Grosso – O Anel Viário de Barra do Garças, a pavimentação da BR-158, a pavimentação da MT-100, um Posto Fiscal na divisa com Goiás, também na Barra do Garças, as pontes das MTs100, 412, 413, 326, a ligação Novo São Joaquim/Campinápolis, a ligação Canarana/Paranatinga, hospitais sem receber a contrapartida e milhares de coisas a fazer, prometidas mas nunca cumpridas por deputados, senadores, governadores e até presidentes. Mas é preciso separar o joio do trigo. O funcionalismo e os poderes aqui acabaram tomando para sí toda a arrecadação paga pelos trabalhadores mato-grossenses e isso precisa acabar e agora e para isso Mauro Mendes apoiado pela família que elegeu o primeiro governador democraticamente depois dos nomeados pelos governantes militares que foram os Campos, com Júlio e Jayme, alternadamente, foi o escolhido. O corporativismo e “direitos ilimitados” do funcionalismo e poderes que “tomaram para sí” todo o dinheiro do Estado não deixando nada para investimentos em educação, saúde, segurança e principalmente a rede viária num Estado que arrebenta em produtividade no campo e também nas cidades precisa ter limites e o certo seria acabar agora. Afinal, quando o eleitor elege um executivo, prefeito, governador e presidente não é para ele viver em função de si mesmo, ou seja só custeio da máquina e dos servidores, é para devolver a confiança do voto em serviços e investimentos em prol da sociedade e também porque os privilegiados deputados, desembargadores, promotores, defensores públicos e conselheiros são servidores do povo mas o povo que paga seus altos salários, aqui em Mato Grosso particularmente, “segura a cabra para o bode mamar”, isto é, paga tudo mas não recebe nada num perverso desvio de conduta. Mauro Mendes e Jair Bolsonaro,não necessariamente nessa ordem, são nossas maiores esperanças e os resultados já são vislumbrados no horizonte, os privilegiados e protegidos pelos tempos da corrupção e da desordem já estão com tremedeira. E vai ficar pior. 3


O Brasil precisa reduzir quantidade e salários de vereadores e outros legisladores

Verbas Indenizatórias por um lado e verbas que câmaras justas devolvem às prefeituras por outro, sinais inequívocos que os legislativos gastam muito e mal. No final de 2018 o Vale do Araguaia foi palco de instabilidades na vida de munícipes que sofreram golpes crassos de vereadores como em São José do Xingu, no Bom Jesus do Araguaia e em Ribeirão Cascalheira além de atos infantis noutros municípios. São pessoas que foram eleitas sem nenhuma visão de estadismo nem compromisso algum com o desenvolvimento e bem estar do povo e que pensam apenas em se dar bem pessoalmente com os mandatos. Em São José do Xingu a presidência da Casa não queria empossar o sucessor legítimo do prefeito, que renunciou por motivos de saúde, numa tentativa do presidente de então usurpar a cadeira de prefeito. Isso é golpismo. Em Bom Jesus do Araguaia e Ribeirão Cascalheira os presidentes das Câmaras do biênio 2017/2018 assumiram as prefeituras por determinação da justiça para um mandato interino para durar enquanto os prefeitos estiverem afastados, enquanto não houver novas eleições determinadas pelo TSE (última instância eleitoral) ou, se nada disso ocorrer até o fim dos atuais mandatos ou 31 de dezembro de 2020. Mas nesses dois municípios os novos presidentes, eleitos para o Biênio 2019/2020 tentaram ferir a legislação em proveito próprio tentando tumultuar a coisa pública ou querendo assumir a prefeitura “já que agora os presidentes são outros, ou melhor, eles”.

Capa 187

Se, como diz o apresentador Ratinho, o homem mais honesto do Brasil está preso por corrupção, o homem mais sexy do país é mulher, o João de Deus na verdade é do diabo, cá em Mato Grosso o maior prefeito governa o menor município, vereador quer ser prefeito sem voto e Mauro Mendes vai ter que peitar poderes e cortar todos os privilégios do corporativismo parasita.

Prefeitura se ganha no voto e não no grito

A forma correta de se conquistar o cargo de prefeito é a disputa eleitoral. Em casos excepcionais quando o titular falece o viceprefeito é substituto legal e em última instância quando o prefeito e vice são afastados a Justiça determina que o presidente da câmara assuma até novas eleições ou até a reintegração do titular eleito. Mas em Ribeirão Cascalheira e Bom Jesus do Araguaia quiseram ganhar no grito. Pág 28

Há muito tempo o Vale do Araguaia foi alcunhado por Vale dos Esquecidos por causa de uma matéria publicada por Agora no ano 2.000 com este título pejorativo que foi amplamente usado pelo saudoso prefeito Hélio José do Carmo, de São José do Xingu que acabou caindo no domínio público. O que aconteceu de lá para cá não trouxe quase nenhum avanço ideológico para mudar essa triste realidade. Nestas campanhas de agora, de 2018 a região não fechou com nenhum candidato regional exclusivo para deputado federal nem estadual. Se tivesse fechado pelo menos teríamos o Gaspar na Câmara dos Deputados. Mas isso não ocorreu, Carlos Bezerra, Nery Geller e outros tiveram votos aqui e não era pra ter nenhum e com isso continuamos órfãos de representantes e os vereadores que temos, salvo honrosas exceções são uma vergonhas. Tivemos um bom exemplo recentemente, o Antônio Miranda, de São Félix do Araguaia que brigou até como executivo e com isso até uma associação de classe foi fundada, a UVNAX mas nas demais localidades a maioria das câmaras são apêndices incestuosos ou extensões pioradas em conivências e puxa- saquismos vergonhosos dos prefeitos em troca de nomeações de parentes para cargos nas prefeitura ou outros benefícios materiais além de fraquezas e indecisões de uma que seria uma grande Câmara Municipal, a de Vila Rica cujos resultados são pífios. Ainda se aproveita São Félix do Araguaia e Querência. Precisamos de uma urgente Reforma Política que diminua à metade o número de deputados e vereadores e corte salários cujos gabinetes não apenas cabides de empregos.

A prefeitura mais produtiva do Araguaia Humberto Luiz Nogueira de Menezes foi reeleito em 2016 com 85% dos votos válidos. Em vez de se acomodar ele lança e inaugura uma grande obra todos os meses. Agora mesmo foi entregue uma Feira Coberta no apagar das luzes de 2018 e sem alarde nem barulho. Pág. 29

No Xingu chegou a vez do Fontoura Sempre reclamaram no Xingu que os prefeitos não retribuíam em benefícios a contribuição no agronegócio, no comércio e na prestação de serviços do distrito de Santo Antônio do Fontoura. Isso pode mudar agora pois com a renúncia do prefeito Luiz Castelo assumiu o vice, Nenê da Óficina, que é de lá. Pág.30

Impressão/Acabamento: Gráfia PUC Goiás www.pucgoias.com.br 62 3946-1893/ 62 99909-0683

Fundada em 15 de setembro de 1980 Uma publicação trimestral de M.A.C. Aguiar Publicidade Diretores: Presidente: Maria Auxiliadora Costa Aguiar Diretor Executivo Responsável: Generoso Rodrigues de Sousa Reg. MTB Nº 18 Fotografias: Agora, diversos, Secoms Municipais e Estaduais, Gcom e outros colaboradores Diagramação/Artes: Innov@rt Publicidade | 62 3261-2579 www.innovart.com.br

Distribuição: Agora, Viação Xavante, Secoms, Correios Agora M.A.C. AGUIAR PUBLICIDADE CNPJ: 04.227.958/0001-70 JUCEMAT 51101243849 Inscr. Municipal 5750 Av. “X” nº 30 Esq/com Rua Francisco Esteves Bairro Jardim Pitaluga CEP 78.600-000 BARRA DO GARÇAS MT Fones: 66 3401-4755/ 66 99999-0345 Whatssapp: 66 98461-9933 revistaagora@bol.com.br macaguiaragora@gmail.com Visite nosso novo site: www.revistaagorabrasil.com.br

RESUMO Aconteceu.................................................3 2 Alto Araguaia...........................................1 7 Bom Jesus do Araguaia..............................5 Confresa......................................................7 Falso ecologismo......................................2 6 General Carneiro......................................1 3 Luciara......................................................2 2 Opinião.....................................................3 4 Porto Alegre do Norte..............................2 5 São Félix do Araguaia...............................3 1


BOM JESUS DO ARAGUAIA

Não se ganha prefeitura no grito nem no golpe, só no voto ou na justiça Os vereadores têm papel relevante nos municípios desde que não “advoguem” em causa própria mas sim defendendo os interesses dos seus munícipes eleitores

I

nfelizmente tivemos recentemente dois lamentáveis casos no Araguaia, a última fronteira do agronegócio mato-grossense. Isso pega mal para a região principalmente num momento em que, pela falta de união e também por defender apenas interesses pessoais muitos vereadores e alguns prefeitos traíram a região levantando a bandeira de candidatos de outras regiões que aqui só aparecem de 4 em 4 anos. O resultado é esse, uma orfandade política, não temos ninguém daqui na Assembléia nem no Congresso Nacional e continuamos assimo como Vale dos Esquecidos. Se não gostamos de nós mesmos isso agrada e faz a festa de candidatos que foram eleitos por outras regiões do Estado.

Bom Jesus do Araguaia

– Logo que assumiu, como presidente da Câmara Municipal designado legalmente pela justiça para ocupar o executivo vago por afastamento do prefeito e vice, eleitos em 2016, Ronaldo Rosa de Oliveira, o Rony do O bom senso, a Lei e os acertos indicam Ronaldo Rosa de Oliveira para continuar na cadeira de prefeito Mureré deu entrevista à revista Agora de Bom Jesus do Araguaia num momento em que demonstrava seriedade e compromisso com um município que até então, haja novas eleições, no caso da volta do prefeito cassado ou até segundo ele mesmo e outros munícipes, a prefeitura era uma o fim dos atuais mandatos em 31 de dezembro de 2020. Mas a verdadeira “ação entre amigos” com excessos de protecionismos jurisprudência é sábia e até tem um vizinho com os mesmos e secretarias e diretorias desnecessárias e que ele, num claro problemas: Ribeirão Cascalheira, cujas contas não fecharam momento de respeito ao dinheiro sofrido do contribuinte pôs 2016, e o TCE até pediu intervenção embora a nova prefeita fim à farra reinante até então reduzindo secretarias e gastos e Luzia Brandão moralizou a coisa pública e espera-se que o trabalhando por todos, honrando os compromissos em dia e novo governador Mauro Mendes não vá cair nessa loucura de tornando o município respeitado la fora e atraente para novos intervir já que está ocupando demais com os próprios e enormes investidores. E uma das bandeiras do Rony do Mureré, desde problemas do Estado e que cada município e justiça resolvam que a justiça lhe dê tempo, é a construção de uma sede para a com bom senso atendendo os interesses maiores das populações. prefeitura do município, que envergonha visitantes, servidores e Seria cômico se não fosse trágico se o novo presidente população que paga impostos mas não tem um Paço Municipal para o biênio 2019/2020 derrubasse o Rony e assumisse. Nesse moderno, bonito e funcional. caso assumiria a presidência da Câmara o primeiro vice Mas a tentativa de golpe veio exatamente de onde presidente como o vereador xavante Temireté assumiu na vaga não seria esperado, de sua própria ex-casa, a Câmara. O de Ronaldo Rosa porque, quando o atual presidente “virasse” novo presidente entendeu, a seu bel prazer, que já que cabe prefeito o seu substituto também iria tentar derrubá-lo que que ao presidente da Câmara assumir a prefeitura na vacância ele seria o novo presidente da Câmara. Coisas de malucos. determinada pela justiça então seria a vez dele. Mas a Lei é clara, Deixem o Rony do Mureré trabalhar em paz e que o presidente à época da cassação era Rony e ele assumiu “até que termine seu mandato somente em final de 2020. 5


CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO FÉLIX DO ARAGUAIA

Nova Mesa Diretora

E

Rita Gomes assumiu a presidência

m continuidade legislativa assumiu agora a presidência da Câmara Municipal de São Félix do Araguaia a vereadora Rita Gomes. Deixa a presidência um dos vereadores mais combativos e, simultaneamente, construtivos do Araguaia em defesa das comunidades, não só de São Félix do Araguaia como também de todo o Vale do Araguaia já que foi o fundador e presidente da União dos Vereadores dos Vales do Araguaia e do Xingu, UVNAX, cuja luta atingiu patamares de estadista ao defender com unhas e dentes a inserção da região, que fora omitida por parlamentares federais para receber verbas da saúde além de até extrapolar suas atribuições entrando em áreas do executivo por seus pares, seus munícipes e todos os araguaínos.

RITA GOMES E A NOVA MESA PARA O BIÊNIO 2019/2020

Assumiu a presidência em 31 de dezembro de 2018 a vereadora emedebista Rita Gomes como presidente, o vereador João Neto da Garagem, vice-presidente, a vereadora Patrícia Paiva, primeira secretária e o vereador Emerson dos Teclados segundo secretário, todos experientes e convictos dos seus compromissos com seus pares e o povo que os conduziu à atual legislatura. Na mesma sessão de posse também assumiram as Comissões Permanentes Legislativas. A vereadora presidente vem de família tradicional do município que conhece, como a palma da mão e sabe de todas as demandas da população e os caminhos para atender essas reivindicações. Seu pai, Uslei Gomes, foi prefeito do município e governou com mão de ferro sem desviar um só minuto de suas responsabilidades fazendo um governo produtivo e honesto. Daí, dessas origens, vem Rita Gomes a quem todos desejamos excelente gestão para o biênio que se iniciou agora. E, como ninguém é de ferro, se houvesse um certame para escolha da vereadora mais bonita de Mato Grosso, Rita Gomes (que ri muito pouco) certamente seria coroada.

Vereadora Rita Gomes – Presidente

Todos os vereadores desta legislatura 2017/2010

Vereador João Neto da Garagem – Vice-presidente

6

Vereadora Patrícia Paiva – Primeira secretária

Vereador Emerson dos Teclados – Segundo secretário

Vereador Antônio Miranda, o presidente anterior


CONFRESA

Rônio acerta na “mosca” Embora cada homem tenha seu estilo e gestores métodos próprios, o sucessor de Gaspar, Rônio Condão, é hoje um prefeito afinado e de resultados muito positivos

A

economia forte, o povo trabalhador, estradas pavimentadas que cortam o município de sul a norte e de leste a oeste Confresa hoje é o mais populoso e desenvolvido do Baixo Araguaia. Governado pelo médico Rônio Condão desde 1° de janeiro de 2017 teve no início uma fase de adaptação entre os munícipes e os novos comandantes do Poder. Mas a superação foi rápida e as respostas acertadas. Água na Vila Planalto, readequação das escolas e consequentemente o transporte escolar também foram imediatas. Hoje, depois de continuidade no programa de pavimentação da cidade, atendimento excelente às políticas de educação e de saúde já temos pontes recuperadas, como a ponte do rio Sabino agora, iluminação moderníssima da cidade, fóruns de empreendedorismo, parceria com a Marinha de São Félix do Araguaia para assistência social e regularização do transporte fluvial com auferição de habilitações aos proprietários de barcos e documentação dos mesmos a cidade vai atender uma questão antiga levantada pela revista Agora que era a falta de vagas de estacionamentos para pessoas especiais e idosos e agora a Gestão do Rônio está resolvendo. Agora a prefeitura está implantando arborização da cidade com espécies próprias, belas e exóticas o que minimizará o calorão que o Vale do Araguaia e todo o Mato Grosso sofre nos verões. Encontramos o prefeito em Cuiabá durante a reeleição de Neurilan Fraga para a presidência da AMM e ele nos autorizou a continuidade da nossa parceria com o município de Confres e a partir de março com o novo e que será poderosíssimo site Revista Agora Brasil que dará vitrine rápida às ações governamentais e com a velha e física revista Agora analógica documentando tudo para a posteridade.

Parceria Prefeitura/Marinha do Brasil

Prefeitura recuperou ponte do rio Sabino

Rônio recupera amenidades do clima

Uma respeitável equipe de obras de Confresa

Rônio: Feira de Ciência e Tecnologia

7


BARRA DO GARÇAS

O melhor lugar do mundo

Praias, cachoeiras, montanhas com acesso por escadarias de cimento, 4 universidades, inúmeras faculdades, rede de saúde moderníssima e a linda e gostosa Águas Quentes

Prefeito Roberto Farias e Vice Wellington Marcos recebem visita de oficiais coronéis do 58º BIMTZ, Sentinela do Araguaia

E

8

tudo isso praticamente de graça. Mas a cidade cresce economicamente em todos os setores do desenvolvimento humano em extrativismo, artesanato, comércio, indústria, educação, saúde, agronegócio e turismo de alto nível. Nos últimos 24 meses tivemos em Barra do Garças o aporte de gigantes como o Atacadão, A Toyota Rodobens, a Havan, Casas Pernambucanas e Lojas Americanas e uma centena de outros centros de todos os tamanhos gerando empregos e contribuindo para os cofres públicos e consequentemente alavancando finanças para que a prefeitura responda em obras, atendimentos, rede viária, segurança, iluminação pública, saúde e rede de educação de primeiro mundo. Não se pode negar que na primeira e nesta segunda gestão de Roberto Ângelo de Farias, Barra do Garças deu passos gigantescos em progresso e qualidade de vida. Parque Águas Quentes foi o campeão em visitas de todo o centro oeste brasileiro tanto do lado mato-grossense quanto goiano, mato-grossense do sul, mineiro, paulista, brasiliense, enfim de todos os quadrantes do país em busca das maravilhas que são nossas águas termais de Barra do Garças. Foi o roteiro número 1 além de receber caravanas de terceira idade e outras do Vale do Araguaia e doutras paragens brasileiras por suas belezas, hospitalidade e qualidade das piscinas, brinquedos infantis aquáticos e um rio todo de águas quentes o Rio Preguiça. Não se pode negar que aqui Deus foi pródigo com o povo brasileiro e o barra-garcense, por suas características cosmopolitas portanto hospitaleiros de natureza fazem a festa e boa receptividade dos nossos visitantes. Quanto a Gestão Municipal 2017/2020 vem fazendo seu dever de casa e muito mais e a cidade é um canteiro de obras gigantescas e todos os meses uma obra nova é entregue ao bem estar dos munícipes e visitantes.


O novo Hospital Med Barra em acabamento

O gigantesco Atacadão de Barra do Garças

Toyota Rodobens

Lojas Havan

As Lojas Americanas chegaram

Vai começar o campeonato e a prefeitura reforma gramado

As Casas Pernambucanas voltaram

Prefeitura reforma o Centro Cultural Valdon Varjão no Porto do Baé

O Ganha Tempo parceria prefeitura/estado

Novo Portal das Águas Quentes

Novos brinquedos temáticos nas piscinas águas quentes

Praça, avenida e ciclovia novas ou repaginadas na Av Águas Quentes

9


LEGISLATIVO DE BARRA DO GARÇAS

S

Notícias Parlamentares

alvo um ou dois tropeços, talvez por excesso de zelo, os vereadores barra-garcenses fizeram excelente trabalho no biênio 2017/2018, sob o comando do vereador Miguel Moreira, o Miguelão. Em novembro do ano passado em nova eleição foi escolhida, quase que por unanimidade, nova Mesa para o biênio 2019/2020. O eleito foi o advogado nascido em Belém do Pará, Dr. João Rodrigues de Souza,(PDT) com um histórico admirável de causas ganhas na Justiça Criminal como causídico na vida

Câmara Municipal elege mesa diretora

10

particular e que promete devolver aos cofres do executivo municipal as verbas excedentes para serem revertidas em saúde e educação para o povo. Como vice-presidente foi eleito o vereador Jaime Rodrigues (MDB), na primeira secretaria ficou o vereador Dr Neto (PSB) e como segundo secretário o vereador Pebinha (PDT). É uma Mesa que tem tudo para acertar já que integrada por parlamentares de alto níveis, escolar, político, social e humano. E sucessos a nova Mesa e boa Legislatura, altamente produtiva, a todos os demais edis barra-garcenses!


CANABRAVA DO NORTE

Honrando os compromissos de campanha

João Cleiton, o prefeito de Canabrava do Norte, após o período de arrumação da casa, que tomou grande parte do seu tempo, retomou o cumprimento de todos os compromissos da campanha de 2016.

N

ão foi fácil arrumar a casa. Obras inacabadas, descrença em gestões anteriores e muitas demandas reprimidas. Mas isso já faz parte do passado. Após uma pausa em nossas coberturas encontramos no final de 2018 um prefeito entusiasmado com os avanços e com a concretização de muitos compromissos firmados ainda na campanha que o conduziu à prefeitura de Canabrava do Norte, exatamente pela aprovação dos projetos apresentados aos munícipes e eleitores do município. Dentre ele destaca-se a retomada de construção da Estação de Tratamento e Distribuição de Água da cidade, a ETA. As obras estão sendo continuadas e o prefeito quer entregar a grande obra já no primeiro semestre deste 2019 para uma população carente do benefício. Ainda no último trimestre de 2018 foi recuperada a rodovia MT109 que liga ao distrito de Primavera do Fontoura e também foi reconstruída a ponte sobre o rio Tapirapés já na divisa com o município vizinho de Porto Alegre do Norte e tudo pela secretaria especializada SINSPU. Títulos de propriedade – O prefeito João Cleiton cumpriu, numa parceria prefeitura/INCRA a entrega de Títulos Definitivos de Propriedade no Projeto de Assentamento Fundiário Gleba Tatuibi que o prefeito assim define: “é um passo gigantesco desses trabalhadores, agora proprietários rurais, pela legitimidade de posse de suas glebas junto aos órgãos de crédito além de conferir a eles voz e vez para legitimarem suas reivindicações em rodovias, inclusive asfaltadas, e todas as infra-estruturas como água tratada, rede de educação, saúde e transporte escolar, ou seja toda uma inclusão sócio-econômica” disse o prefeito João Cleiton que, também, ainda em dezembro participou da eleição da nova diretoria da AMM com a eleição de Neurilan Fraga para o biênio 2019/2020. A revista Agora e a partir de março o site REVISTA AGORA BRASIL estão retomando a cobertura da Gestão de Canabrava do Norte 2017/2020.

Prefeito João Cleiton com o presidente Neurilan Fraga AMM

Excelente notícia: retomadas as obras da ETA

Ponte do Tapirapés na divisa com PAN reconstruída

Prefeitura e INCRA entregam 136 Títulos no Tatuibi

E a MT-109 reconstruída e patrolada

11


12


GENERAL CARNEIRO

O Descanso dos guerreiros

Neste 15 de janeiro visitamos General Carneiro para a produção de informações e informes da edição de fevereiro conforme havíamos combinado com o prefeito e descobrimos que são afortunados porque São Pedro, também é parceiro do município

O

recesso de fim de ano terminou no domingo, 20 de janeiro, já que a Gestão municipal havia quitado todas as folhas, repasses aos poderes, fornecedores e obrigações sociais antes que 2018 terminasse. Mas os serviços essenciais de limpeza pública, saúde e emergenciais do setor de obras funcionaram normalmente nesse período. Nesta Gestão 2017/2020 General Carneiro, como Mato Grosso nos tempos de Júlio Campos no Governo, avançou 30 anos em 2 e agora todos os setores do município, distrito de Paredão e comunidades indígenas foram contemplados com benfeitorias diversas e atendimentos a todas as demandas reprimidas de outras gestões pretéritas. Com as chuvas de fim de ano e ainda contínuas neste primeiro trimestre de 2019 os jardins, as praças, as plantas exóticas e gramados vicejaram lindamente neste merecido recesso. Mas vale dizer que a equipe econômica estava ativa neste dia 15 quando fomos lá e informou que o prefeito Marcelo Aquino, naquela manhã e naquela hora estava em Cuiabá reunido com pessoal da Caixa Econômica Federal assinando convênios para maiores benefícios aos munícipes general-carneirenses. A Praça da Matriz, a ilha da primeira avenida de General Carneiro, a pracinha do Laboratório Municipal, as ilhas da travessia urbana feita com verbas municipais e emendas do deputado Max Russi e a Praça da Cohab que foi concluída e está simplesmente linda todas e tudo maravilhas que atestam um município gerido por equipes competentes e compromissadas.

Marcelo/Ana Flávia encerraram o ano letivo de 2018 entre alunos e professores

A praça da Cohab ficou pronta e linda

Avenida Travessia Urbana duplicada e jardinada

Primeira avenida de General, resgatada

E muito asfalto em bairros

13


CÂMARA MUNICIPAL DE QUERÊNCIA

Notícias Parlamentares Prestação de Contas aos munícipes e leitores

Câmara de Querência ampliada e reformada nesta Gestão 20017/2018

A

atual Mesa Diretora findou o ano de 2018 com a sensação do dever cumprido. O sentimento é unânime entre seus componentes, o presidente Vavá, o vice André Silva, o 1º secretário Professor Neiriberto e 2º secretário Telmo Brito. Nos últimos anos a Câmara de Vereadores de Querência vem passando por profundas mudanças. Novos e modernos conceitos de planejamento e de gestão foram progressivamente adotados com importantes reflexos sobre a eficiência administraiva. Nesse sentido a Câmara priorizou investimentos em três pilares: infraestrutura física e tecnológica, gestão de pessoas e comunicação institucional. As ações daí decorrentes permitiram notáveis avanços em termos de eficiência nos processos de trabalho e no grau de transparência da instituição em relação à sociedade. Na ampliação do prédio da Câmara foram investidos mais de R$ 600 mil reais. A nova estrutura contará com novas salas administrativas, sala de reunião, sala exclusiva para a imprensa, com estúdio de gravação, nova recepção e salas individuais para a Procuradoria Jurídica, a Contabilidade, a Assessoria Legislativa, a Controladoria Interna e a Tesouraria. Mesmo com o investimento o Legislativo tem realizado uma gestão responsável com o dinheiro público ao economizar os recursos repassados pela prefeitura, a Casa devolveu, ao longo dos últimos dois anos, mais de R$ 1,1 milhões de reais aos cofres do município, o que gera investimentos em outras áreas. A gestão sempre manteve a preocupação em proporcionar exponencialmente a interação entre a Câmara e o cidadão. Hoje qualquer pessoa pode acompanhar as tramitações das proposições legislativas, a atividade parlamentar e outras informações de seu interesse por meio dos veículos de comunicação, como o Portal da Casa na internet, a TV e as rádios locais. A Casa votou mais de 50 projetos de lei do Poder Executivo e criou mais de 10 Ações da Mesa Diretora, projetos de lei do Legislativo. Outras atividades foram as 140 indicações por parte dos vereadores, 10 requerimentos, 8 resoluções e 5 projetos de lei complementar. A Câmara ainda fez mais de 20 emendas modificativas referentes a projetos recebidos. O presidente Vavá explica a receita do sucesso em sua gestão: “O trabalho coletivo de todos os vereadores e a harmonia entre os poderes tem feito a diferença.” Segundo ele as preocupações da Casa giram em torno de uma administração eficiente e da imagem da instituição diante da sociedade. “Sempre buscamos as demandas e através delas, definimos as estratégias, afim de implementar um conjunto articulado de ações que nos permitiram promover um novo salto qualitativo de gestão”, destacou Vavá. E foi além: “Acreditamos que muito fizemos em prol da sociedade e estamos à disposição para continuar nossa árdua luta em fortalecimento do municipalismo”.

14


Vereador presidente Vavá e todos os servidores do legislativo querenciano

Nova Mesa Diretora tem Prof. Neiriberto como presidente para o próximo Biênio em Querência

A Câmara Municipal de Querência elegeu na última sessão do ano de 2018 a nova mesa diretora que comandará os trabalhos para o próximo Biênio. Após eleição tranquila e por maioria, foi eleito, para presidente da Câmara de Querència o vereador Prof. Neiriberto juntamente com o vereador Celso da Retífica, vice-presidente, Valdenício Anjos da Silva, (Vavá) 1º secretário e Domingos Roberti, 2º secretário. O parlamentar do PSC substituirá o vereador Vavá (PSC).

Prof Neiriberto obteve 8 votos dos 9 parlamentares e comandará o Legislativo de 2019 até 2020, a partir do dia 1º de fevereiro, e são dele as palavras: “Ficamos felizes pela aprovação dos demais membros do legislativo e sabemos que temos muito trabalho pela frente, acredito que o município vem passando por uma positiva transformação e com certeza estarei desempenhando da melhor forma possível as minhas responsabilidades como presidente e representante da sociedade querenciana”, finalizou o presidente eleito.

A novo diretoria do Biênio 2019/2020, (da direita para a esquerda): Presidente Ver. Prof Neiriberto Erthal, Vice-presidente Ver.Celso da Retífica, 1º Secretário Ver. Valdenício Anjos – Vavá – e 2º Secretário Ver. Domingos Roberti

15


16


ALTO ARAGUAIA

Há mais de 30 anos amando Alto Araguaia

Gustavo Melo, no ponto alto dos 80 anos de Alto Araguaia, entregou a primeira fatia do bolo de 80 metros a uma anciã de 95 anos, isso é respeito à vida, das pessoas, do município e até das mídias que registram a história.

A

primeira impressão que a reportagem de Agora teve do prefeito Gustavo Melo, que comanda esta Gestão 2017/2020, foi de que é um homem estudioso e observador. Ainda não tínhamos procurado o alcaide embora na primeira visita, ainda em 2017, o Assessor Municipal de Mídia, Reulliner (achamos que está correto) descartou a possibilidade de publicações pois ainda não tinham agência nem verbas para pagamentos diretos de mídias. Mas no final de 2018 encontramos Gustavo na AMM e falando sobre Alto Araguaia que estava completando 80 de emancipação naquela ocasião ele, muito entusiasmado e otimista controverteu alguns tópicos da história do município incluindo as escaramuças garimpeiras Morbeck & Carvalhinho da qual Santa Rita do Araguaia (primeiro nome de Alto Araguaia) foi palco e de certo ponto de vista até estopim. E, como o diretor desta revista, jornalista Generoso Rodrigues, nascido em Torixoréu, ex-professor e ex-aviador ensinou e visitou tantos desses palcos além de escrever parte da história para o ex-senador, prefeito e deputado Valdon Varjão e tem como patrono na Academia de Letras do Centro Oeste um dos mensageiros de Morbeck, Febrônio Rodrigues, além de escrever sobre Silvano Marajá e Ondino Lima, todos de Alto Araguaia e contemporâneos da história, achamos enfim, um prefeito focado em seu tempo mas respeitador do passado. A Saga dos Maia – Coube a Gustavo inaugurar, após conclusão, o novo Paço Municipal de Alto Araguaia Sílvio José de Castro Maia. É a saga de uma família que há mais de 30 anos, a revista Agora tem 40, cobre o município ajudando atrair investidores, rodovias e ferrovias além de festivais náuticos e milhares de outros avanços o que nos credencia a falar com propriedade sobre este e os demais 140 de Mato Grosso pois estamos circulando desde que eles eram apenas 45 municípios. E Sílvio e seu filho Maia Neto foram os nossos mais competentes, leais e honestos parceiros destes 40 anos. As capas de edições pretéritas atestam nosso testemunho da história. Gustavo Melo vai muito bem em sua gestão e, a partir desta, vamos caminhar juntos até 2020 ou sua reeleição.

Sílvio Maia, capa da edição 36/1986

Gustavo Melo: “Há controvérsias sobre a história...”

Melo integra Consórcio Intermunicipal de Saúde Sul, sede em Rondonópolis

Sílvio, capa da edição 50/1988, 50 anos Reportagem de época do município

Prefeito de 4 gestões Maia Neto, edição 99/1997

17


MATÉRIA DE CAPA/ARAGUAÍNHA

O Vale dos Esquecidos tem complexo de vira-latas

Não elegeu ninguém deputado nem senador, nunca emplacou um presidente da AMM, nunca concluiu o Anel Viário da Barra nem a pavimentação da BR-158 nem da MT-100 e quanto um prefeito afoito, inteligente e temerário tenta quebrar a pecha só recebe apoio pífio e deboches do Vale do Araguaia que, por isso também, elege vereadores e alguns executivos que só pensam em se dar bem e passam longe dos compromissos morais com o povo. Resta o consolo de saber que o azar é deles mesmos.

S

ílvio José de Morais, o Slvinho, que tem quase 2 metros de altura, e administra o menor colégio eleitoral de Mato Grosso, o município de Araguaínha, tentou, no mês de dezembro de 2018 eleger-se presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, AMM e obteve 30 votos contra 82 do reeleito Neurilan Fraga. Silvinho chegou a contestar a legitimidade da candidatura de Neurilan que nem é mais prefeito já que encerrou seus 8 anos entre eleição e reeleição no município de Nortelândia, médio norte mato-grossense em 31 de dezembro de 2016 mas uma modificação no Regimento da Casa legitimou essa possibilidade de exprefeito poder disputar a organização uma brecha aberta por Paulo Ziulkoski que só foi prefeito do município gaúcho de Mariana Pimentel de 1993 a 1996 e de 2001 a 2004 mas presidiu a Confederação Nacional Usar a vista aérea de Araguaínha como pano de fundo alguns colegas decidiram apoiá-lo contra o que ele acha que até de Municípios por 21 anos mesmo sem pode ser legal mas é imoral ex-prefeito concorrer à organização mandato de prefeito. Araguaínha tem o menor colégio eleitoral de Mato maior que defende os interesses dos municípios do campeão do Grosso, 948 eleitores e só perde para Serra da Saudade, em Minas agronegócio brasileiro,Mato Grosso. Silvinho acompanhou o ex-governador de Mato Grosso, Gerais, com 941 por ter 7 eleitores a mais mas seu atual prefeito é logo no início do seu mandato que começou em 2017 à China onde um visionário e idealista além de patriota exarcebado. Sua cidade não tem hotel nem restaurantes afinal é o buscou parcerias para construção de drones para a agricultura lugar onde você sai às ruas sem camisa, pode colocar roupas e iluminação de led em sua cidade mas faltou maiores apoios no varal sem o receio de que sejam roubadas, não se ouve para que os sonhos virassem realidade. Se o Vale do Araguaia quase barulho de automóveis, tem galinhas nas ruas, mandioca tivesse fechado e ampliado o apoio, com certeza, Sílvio José de plantada em todos os lotes desocupados e ninguém pega nada Morais seria um novo presidente da AMM embora Silvinho de ninguém e quase todo mundo é parente uns dos outros. tenha buscado apoio noutras regiões como nortão, médio, norte, Como prefeito ele já conseguiu veículos utilitários, ambulâncias, noroeste e oeste mato-grossenses. Neurilan prometeu incluir em arrumou os serviços de saúde e de educação, construiu pontes suas metas as boas idéias do adversário Silvinho. O inoportuno e inviável Estado do Araguaia de cimento com aduelas em algumas rodovias que cortam o município, construiu pontes em rodovias estaduais para receber – Para criar o Estado do Tocantins uma equipe de parlamentares a contrapartida em serviços e não para sempre buscando goianos, estaduais, federais e municipais, sob a liderança de um mais e mais bens, serviços e atendimentos sociais aos seus senador irascível, José Wilson de Siueira Campos, brigaram anos munícipes. Por tudo isso concorreu à presidência da AMM em a fio inclusive o senador fez greve de fome no Senado Federal, 7 de dezembro de 2018 obtendo 30 votos, já, que pelo menos chamando a atenção do mundo inteiro até que, finalmente, em 18


1988 o sonho virou realidade. Agora alguns mal-informados, desatualizados, ultrapassados e utopistas querem criar o Estado do Araguaia com território do Baixo Araguaia, uma região desunida, de idéias e ideais pulverizados, sem lema, sem dinheiro, sem bandeiras políticas, sociais nem financeiras querem criar essa excrescência inoportuna, o Estado do Araguaia. Uma região que pavoneia micro-municípios que não conta com vereadores fortes e independentes como os de Primavera do Leste, de Sorriso, de Matupá, de Água Boa, de Querência ou de São Félix do Araguaia na gestão 2017/2018 que ultrpassaram todas as fronteiras físicas e políticas. Seria ótimo as subdivisões do Brasil em Estados desde que economicamente viáveis. O Vale do Araguaia englobando o Xingu como a última e talvez maior fronteira agroeconômica poderá viabilizar esses sonhos quiméricos desde que tenha logística de infraestruturas viária, ferroviária e hidroviária, mas enquanto não se pavimentar os caminhos para esse futuro quem está idealizando essas inutilidades ilusórias não tem cacife para tamanha ousadia. Aqui, com o nosso complexo de vira-latas não elegemos ninguém para nada. Nem deputado estadual nem federal e o Nelson Barbudo, como Trump e Bolsonaro, somos todos, produtos das Redes Sociais, cujos ideais levarão ainda bom tempo para produzir resultados de nível estadista. O Vale do Araguaia já foi grande. O agronegócio começou aqui por Canarana, Água Boa e Querência a partir de Barra do Garças. Chegamos a ter 4 deputados estaduais: Ricardo Corrêa, Roberto Cruz, Lincoln Saggin e José de Arimatéia além de suplentes que assumiram: José Frederico Fernandes, Dimas Diniz, Malba Thânia Varjão e Thiers Ferreira, tivemos dois deputados federais, Ladislau Côrtes e Wilmar Peres numa época que governava o Pelé dos Governadores cujas obras de infra-estrutura educacional, sanitária e viária estão aí até hoje, Júlio José de Campos sucedido por um governador do Vale do

O povo de Araguaínha acreditou no asfalto da MT100, lançado em 2013, que até agora não saiu do papel

Até prefeita do nortão apoiou Silvinho, Terezinha Guedes de Nova Santa Helena

Araguaia, Wilmar Peres de Farias. Nessa época Barra do Garças era a segunda economia de Mato Grosso, superando Várzea Grande e Rondonópolis e sendo, nos tempos da Coopercana, o maior produtor de arroz de sequeiro do mundo e capital das agropecuárias Suiá Missu, Bela Manhã, Tamakavi, Reunidas, Guanabara, Fartura, Colorado e dezenas de outras. Entende-se essas idéias isoladas de criação do Estado do Araguaia como protesto porque os governantes não mais nos atendem conforme merecemos e proporcional ao nosso crescimento econômico no agronegócio mas os maiores culpados somos nós mesmos que não colocamos ninguém lá nos conformando com migalhas oferecidas por candidatos de fora que acabam faturando os mandatos e nós ficamos órfãos. Se ninguém, mas ninguém mesmo votar nunca mais em gente forasteira na política, seremos os primeiros a defender a criação do Estado do Araguaia com seu maior sonhador na liderança, o vereador porto alegrense do norte, o Zé da Iva. Posto da Mata, a Guérnica brasileira – A maior nódoa e vergonha do Vale do Araguaia foi ser palco do maior genocídio econômico da região quando centenas de famílias foram obrigadas por ONGs, sob comando idealista da Prelazia de São Félix do Araguaia e seu bispo que em outros países teria sido condenado à prisão perpétua mas em malditos governos petistas influenciaram expulsões sumárias de suas terras que abriram com o suor do rosto com títulos de propriedades oficiais dos órgãos governamentais competentes. Nem isso nossas autoridades conseguiram impedir e isso é a maior vergonha da região. Resta um envergonhado Cristo Redentor de costas para aquele triste lugar. Esta matéria jornalística tem o aval, incentivo e participação direta do grande idealista e batalhador Sílvio José de Morais, prefeito de Araguaínha que pensa, também como nós.

Silvinho levantou a bandeira do Araguaia à presidência da AMM, só 29 prefeitos o apoiaram

Construindo ponte de cimento em rodovia estadual

Logotipo de Júlio Campos em Luciara até hoje o melhor de todos

Resta no Posto da Mata um envergonhado Cristo de costas para o lugar

19


COCALINHO

Hospital, estradas e outras conquistas

A Gestão de Cocalinho 2017/2020, mesmo passando pela fase de maior crise financeira que os municípios brasileiros jamais enfrentaram, consegue superar obstáculos e contemplar seus munícipes com o que há de melhor

Dalva inaugura o Hospital Municipal reformado e ampliado

A

20

quela menina que cresceu brincando pelas ruas de Cocalinho e que foi uma moça sonhadora e quando já adulta testemunhou e colaborou com as gestões do seu pai ex-prefeito e de seu esposo também ex-prefeito, tem muitas histórias para contar e muitas coisas boas em conquistas destes últimos dois anos, agora como prefeita eleita em 2016. A mais recente foi a inauguração da reforma e ampliação do Hospital Municipal de Cocalinho, totalmente equipado, quartos com TV e ar condicionado onde já deu início à construção de um moderníssimo Centro Cirúrgico. Foi um árduo trabalho da prefeita Dalva Peres, da Secretária de Saúde Haiane com apoio total da Câmara de Vereadores e tudo isso foi possível com as parcerias dos deputados federais para contemplar o povo cocalinhense com essa bela obra. “Sinto-me feliz e realizada em poder ver a população em ótimo atendimento e saber que os profissionais da saúde passam a ter melhores condições de trabalho” disse Dalva. Outros avanços e parcerias – A prefeita conseguiu, através da deputada Janaína Riva e do senador Wellington Fagundes, uma ambulância S-10 para atender o transporte de pacientes. Além disso, em Cuiabá, a prefeita assinou convênio para pavimentação asfáltica do Bairro Alto Cocalinho, que espera entregar uma parte já asfaltada em maio deste 2019 e também para aquisição de um caminhão caçamba. O setor viário recuperou totalmente as rodovias MT-326 e MT-100 que estão em perfeitas condições para Água Boa e para o Itacaiú e isso permite os condutores trafegarem em excelentes estradas mesmo em época chuvosa. Com o apoio do deputado federal Valtenir Pereira a prefeita recebeu uma caminhonete L-200 zero km para a Vigilância em Saúde.


E a Gestão Municipal, pela prefeita Dalva Peres anuncia que 2019 será um ano de muita prosperidade, com as graças de Deus, também porque, é um governo marcado pela seriedade, humildade, bom relacionamento com o Poder Legislativo de Cocalinho e trânsito excelente com todos os partidos e segmentos políticos por isso se destaca como um grande gestora já que é a simpatia personificada e a prefeita mais querida pelo povo, Com o pai Sebastião, ex-prefeito e mãe Gerailda ex-primeira instâncias superiores e colegas. dama e ex-secretaria de Assistência Social

Novos leitos com TV e ar condicionado

A nova recepção, conforto e bom atendimento

Condicionadores de ar novos

Ambulância da parceria dep Janaína Riva e senador Wellington Fagundes

Dep Valtenir Pereira contempla Cocalinho com L-200 zero para a Vigilância em Saúde

Estradas MTs 326 e 100 todas recuperadas

Convênio com a CEF para pavimentação da cidade

21


LUCIARA

Festas e asfalto

O Setor Universitário de Luciara está sendo preparado para receber pavimentação mas como ninguém é de ferro falaremos também de debutantes e shows de Fim de Ano.

Faustinho e Marília com as debutantes

O

luciarense continua aprovando sua Gestão Municipal 2017/2020 com louvor. A coerência e fidelidade do prefeito Faustinho estão sendo transformadas em benefícios para a população. Ele apoiou o deputado Valtenir Pereira que, por isso, destinou muitas emendas parlamentares para o município e que estão sendo transformadas em benefícios como agora por exemplo o Setor Universitário, incluindo a região da Unidade de Saúde, sendo preparado para receber pavimentação asfáltica em várias avenidas e travessas. Destacamos ainda a rodovia MT412 que deve estar levantada entre Luciara e Porto Alegre do Norte ainda neste ano de 2019 interligando o município à BR158 já pavimentada naquele trecho entre Canabrava do Norte, Confresa, Vila Rica e restante do Brasil pelo lado paraense. Um fato digno de destaque é a qualidade das rodovias que acessam Luciara como a MT100 que nos 60 km entre a 242 até a cidade está patrolada como se fosse na época do estio, uma gestão caprichosa também nessa área. A revista Agora contou nesta edição com os relevantes serviços de fotografias prestados pelo vereador Celso Feitoza que, além de excelentes serviços parlamentares, registra o dia a dia da gestão municipal e de todos os eventos luciarenses nos setores públicos e privados. A maioria das fotos desta edição é obra de seus “clics” na sua Canon de alta resolução. Festas de fim de Ano – No dia 8 de dezembro a Assistência Social de Luciara com apoio do prefeito e Câmara Municipal promoveram aquilo que sempre foi o sonho de toda menina-moça, uma apresentação à sociedade ou o francês “debut” Festa das Debutantes com beleza, organização e muitas alegrias das meninas, de suas famílias e também do governo municipal que deu um belo exemplo regional já que só Luciara e Querência mantém esta bela tradição no Vale do Araguaia. E para fechar 2018 no dia 26 foi apresentado um belo show artístico com a dupla Hunberto & Ronaldo fechando o velho ano com chaves de ouro e brindes a todos. 22

A sociedade luciarense em festa

Uma linda festa


E o show do dia 26 também foi sucesso

As debutantes com seus pares/padrinhos

Outro ângulo dos participantes

Faustinho e uma das debutantes

Empresária Tilui (Evanildes) e companheiro

Setor Universitário de Luciara terá asfalto agora

E mais debutantes fechando 2018 com chave de ouro

A MT100 surpreende pela qualidade até em época chuvosa

Outra avenida que será asfaltada em Luciara

Vereador e fotógrafo Celso Feitoza e sua esposa Arlene Silva

23


24


PORTO ALEGRE DO NORTE

Expectativas superadas

Para quem viu uma Porto Alegre do Norte apática e desmotivada a partir do término do mandato de José Viana Sabino sabe do que estamos falando, esta é a Gestão mais competente desde então.

T

odos os setores urbano e rural foram atendidos com aquilo que uma demanda reprimida por obras e respeito ao cidadão mais ansiava nos últimos 20 anos. De estradas a pontes, educação e saúde, pavimentação de bairros e assistência aos distritos enfim tudo e todos contemplados à altura de um Governo eficientíssimo. A revista Agora esteve com o prefeito Daniel Rosa do Lago no evento de reeleição de Neurilan Fraga à presidência da AMM, no último mês de dezembro e nos comprometemos a cobrir o município de forma mais eficiente a partir da inauguração do site Revista Agora Brasil que estreará em fevereiro e da revista Agora física que circulará em maio após o término da estação chuvosa quando os gestores recomeçam suas grandes ações então por enquanto vamos falar sobre o último trimestre de 2018. Prefeitura desenvolve projeto para combater sobrepeso – No último mês de outubro de 2018 a prefeitura de Porto Alegre do Norte, através da Secretaria Municipal de Saúde e Núcleo Ampliado de Saúde da Família desenvolveu o Projeto Mais Vida, destinado às pessoas com sobrepeso e obesidade para obter uma melhor qualidade de vida. Os pacientes são orientados coletivamente pelos profissionais em nutrição, educação física, fisioterapeutas e psicologia e as atividades aconteceram às terças e quinta-feiras das 17.30 às 18,30 horas na praça do Setor São Geraldo e abertos ao público. Confraternização com Idosos – A prefeitura Municipal de Porto Alegre do Norte, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, realizou no dia 7 de dezembro o encerramento das atividades do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo – SCFV – para os idosos “Grupo da Alegria” com um jantar dançante que atraiu mais de 140 pessoas. A primeira dama e Secretária Municipal de Assistência Social e agora já neste 2019 os trabalhos serão retomados juntamente com o início do período volta às aulas.

Prefeito Daniel: superando expectativas

Jantar Dançante finalizando atividades da terceira idade 2018

Eventos de finalizações de atividades 2018

PAN contra a obesidade mórbida

25


Falso Ecologismo O Aquecimento Global e o seu impacto no Agronegócio do Vale do Araguaia, Mato Grosso e Brasil. Sabemos toda a verdade sobre o assunto?

Sugiro que antes de palpitar cheio de vaidades e paixões ideológicas, leiam a o livro “A Máfia verde I e II”, escrito por um mexicano. É bem revelador os bastidores de diversas ONG’s, nos quais se analisarmos friamente, teremos convicção de que o “Ambientalismo é o novo colonialismo”. Já repararam quais são os países que financiam ONG’s Ambientais e Indigenistas? Já buscaram saber quantos por centos de florestas nativas preservadas ainda existem nestes países? Meu objetivo não é doutrina-lo caro leitor, o objetivo é apenas que busque sua própria verdade, e não apenas fique repetindo textinhos bonitos em redes sociais, acreditando que está agindo politicamente correto. Outro livro que conta os bastidores de interesses “ambientalistas” pelo bem da “humanidade” é o livro “Uma demão de verde” de uma jornalista Canadense que acompanhou

os bastidores de grandes ONG’s. O engraçado, é que os livros que denunciam as praticas e interesses obscuros de “ONG’s são estrangeiros. Nós brasileiros estamos muito passivos, aceitamos tudo como verdade final. O Araguaia mato-grossense é a nova fronteira agrícola do Brasil, e hoje está sendo invadida por ONG’s, que se dizem socioambientais, que são financiadas por países e organismos internacionais, e mostrarei a vinculação entre os “fazendeiros” americanos e a atuação de ONGs ambientalistas no Brasil. Trata-se de uma curiosa conjunção entre o agronegócio americano, alguns países europeus, ONG’s ambientalistas, aqui no Brasil evidentemente, podemos ver grandes empresas, governos e “movimentos sociais” divulgando e semeando FakeNews e achologismo, dizendo lutar pelo povo brasileiro, mas que no final só beneficia meia dúzia de diretores muito bem remunerados, obrigado.

Desmatamento no Brasil X Competitividade Americana no Agronegócio

Em 2010, a National Farmers Union (União Nacional dos Fazendeiros) e a Avoided Deforestation Partners (Parceiros pelo Desmatamento Evitado), dos EUA, encomendaram um estudo, assinado por Shari Friedman, da David Gardiner & Associates. O Objetivo do estudo foi analisar a relação entre o desmatamento tropical e a competitividade americana na agricultura e na indústria da madeira. É eles se preocupam com isso. Agora duvido que você adivinharia o título da campanha. “Fazendas aqui, florestas lá.” Em resumo, o resultado do estudo foi que o desmatamento tropical na agricultura, pecuária e de florestas conduziu a uma “dramática expansão da produção de commodities que compete diretamente com os produtos americanos”. Tratando em miúdos, quer dizer que a competitividade do agronegócio brasileiro que deve ser 26

diminuída para tornar mais competitivos os produtos americanos. Isso mesmo que você leu! O estudo esmiúça que os EUA teria um ganho de US$ 190 bilhões a US$ 270 bilhões até 2030. Analisem bem, as campanhas pela conservação das florestas brasileiras e a restauração das áreas desmatadas após 2008, conforme determina a Lei 12.651/2012 (Código Florestal), de forma alguma tem como objetivo o bem da humanidade, trata-se apenas de interesses econômicos que pouco ou nada têm nada de ambientalista. Deixo bem claro, sou a favor de que o Brasil preserve a fauna e a flora. No entanto, que haja compensação para quem preserva sua reserva legal, pois apesar de bonito no papel, o código florestal é apenas mais uma lei para inglês ver. Dados do próprio IBGE 2010, FUNAI 2012 e DNGassem mostram que a agricultura ocupa 8% (65 milhões de hectares) da área de terra do Brasil e a pecuária 21%. O agronegócio participa com 22% do PIB Brasileiro. Desse valor, 69% é gerado na agricultura e 31% na pecuária. Portanto, é hora de deixar a demagogia de lado e valorizar os verdadeiros ambientalistas. Pois o aparelhamento ideológico de instituições, mídias, justiça e educação, tem provocado distorções gritantes e inversão de valores. Onde quem mais preserva está pagando a conta sozinho, o produtor rural.

Rodrigo Gomes Vieira, Engenheiro Florestal, proprietário da Projeflora. Atualmente reside em Querência-MT, Suplente de Deputado Estadual pelo PSL, representando o Vale do Araguaia. Curta e Siga no facebook.com/ engenheiro.rodrigovieira


TORIXORÉU

Atividades de ano novo

A prefeita Inês Coêlho está iniciando a operação tapa buracos na cidade mas nas rodovias as recuperações já começaram e, também, já esteve com o novo governador

N

a edição de fim de ano a revista Agora publicou em matéria de capa as promessas do então governador eleito Mauro Mendes contemplando Torixoréu que lhe deu 63,55% dos votos em outubro de 2018. A prefeita já foi lá fazer uma visita de cortesia acompanhando o presidente da AMM, Neurilan Fraga e outros colegas e fechou uma trégua nas demandas reprimidas e agendas para este princípio de mandato do governador do período 2019/2022. Uma das maiores reivindicações é a conclusão da pavimentação da MT-100 rumo a Barra do Garças e uns 5km que faltam para fechar rumo a Ponte Branca. Mas como a saúde financeira do Estado é caótica é justo que se dê a ele uma trégua nas cobranças como ele mesmo pediu, pelo menos até fevereiro deste 2019, quando, mesmo que as coisas ainda não tenham sido solucionadas, pelo menos já se pode iniciar os diálogos prefeitos/governador. E Torixoréu vai precisar já que da parceria prefeitura/ estado restaram dívidas no valor de R$ 300 mil reais mais ou menos dos setores saúde e transporte escolar. Não é muito mas a prefeita afirma que para o município é um bom dinheiro. O dever de casa – Nesta segunda quinzena de janeiro a prefeitura já iniciou a operação tapa-buracos provocada pelos estragos na estação chuvosa. Mas a gestão comandada pela prefeita Inês já iniciou a recuperação da malha viária com ênfase para a rodovia MT-270 ou Posto Pequi/ Município de Guiratinga cujos serviços já estão acontecendo a todo vapor.

Inês com Neurilan e colegas firmam trégua com o governo do Estado

Recuperando MT-270

Máquinas do município trabalham ma malha viária

27


RIBEIRÃO CASCALHEIRA

Ameaça à moralização do município

A prefeita Luzia Brandão colocou as contas em dia, normalizou os atendimentos à educação e à saúde, quitou as folhas em atraso, pagou fornecedores e tranquilizou a população já desesperançada por incertezas na prefeitura mas, talvez até por ciúmes dos seus acertos parte da Casa que presidiu quer usurpar sua cadeira no tapa eno grito o que retoma uma velha discussão é preciso reduzir o número e aumentar a qualidade dos vereadores

N

a saúde a prefeita Luzia prestigia os serviços de um exprefeito médico, o Dr. José Adson de Souza, disparadamente o que governou com mais harmonia e acertos econômicos inclusive trazendo o agronegócio de toda a história do município e da ex-primeira dama Janaína, médica e esposa do ex-prefeito mais recente e filha do homem que comandou as finanças regionais de Nova Xavantina, Novo Santo Antônio e Ribeirão Cascalheira com competência e afinação com os prefeitos que o chamaram a colaborar, Nilson. Agora, por determinação da justiça, no segundo semestre de 2018, assumiu os comandos da Gestão Municipal a presidente da Câmara vereadora Luzia Brandão, até que haja novas eleições ou ex-prefeito seja reconduzido ao cargo por instâncias superiores, TSE ou STF já que perdeu na comarca e no TRE. Golpismo e despreparo, entendam o caso – Como os mandatos de presidentes das Câmaras, obedecendo seus regimentos internos são, na maioria, bienais, o da até então vereadora Luzia Brandão terminaria após eleição e posse de nova Mesa o que significa que, quando ela assumiu a prefeitura estava na presidência da câmara e foi substituida para concluir seu mandato legislativo de presidente da Casa pelo vice-presidente e como a câmara foi desfalcada com sua ida ao cargo executivo e sendo nove vereadores, o suplente foi empossado em sua vaga e tudo voltou ao normal. E ela como prefeita agora governará até que hajam novas eleições, o ex-prefeito ganhe nas instâncias de Brasília e volte ao cargo ou até o dia 31 de dezembro de 2020 quando encerra os mandatos municipais, tudo muito claro “como diria Arnaldo César Coelho, o juiz comentarista de Galvão Bueno da Globo”. Mas lá alguns entenderam que com a eleição da nova Mesa Diretora para o biênio 2019/2020 é o novo presidente quem teria que assumir a prefeitura. Seria o caos, o oportunismo, o golpismo, o anarquismo. Só que não é a normalidade que está regendo as coisas lá pelas bandas de Legislativo e Executivo e isso levanta uma questão polêmica mas nesse caso até que seria acertada. Não seria hora, de em nome da redução de gastos e empreguismo com o dinheiro do povo, reduzir o número de vereadores nos municípios brasileiros e aumentar a qualidade dos edis em sabedoria e competência legislativas? Afinal o povo paga seus altos salários e poderia num plebiscito ou aproveitando a onda de moralização proposta pelo presidente Bolsonaro e pelo governador Mauro Mendes, trazer o mínimo de 9 vereadores por município para uns 4 ou 5? A população aprova a Gestão Luzia Brandão – Ela não é nenhum gênio em gestão pública municipal e não seria nós da imprensa nem a câmara e nem a própria justiça quem teria agora que aprovar sua gestão firme, responsável e equilibrada, mas sim a população e esse apoio ela tem de sobra. 28

Luzia Brandão:”só se joga pedras em árvores que dão frutos”

Aqui a prefeita Luzia recebe apoio do prefeito de Rondonópolis e exdeputado Zé Carlos do Pátio

A revista Agora cobre RC desde o primeiro prefeito Eliseu


PONTE BRANCA

A prefeitura mais produtiva do Araguaia Não há como a revista omitir o exemplo que a gestão de Ponte Branca oferece em excelência para o Vale do Araguaia e para o Brasil

A

arrecadação é ínfima, o município não é referência forte no agronegócio, o turismo é irrelevante e a cidade é pequena mas a prefeitura, a partir de 2013 deu uma guinada tão gigantesca que hoje ali tudo é bonito, agradável e atraente. A cada visita que se faz ali surpreende uma obra nova, uma cidade toda asfaltada com modais diversos como asfalto propriamente dito, bloquetes e concreto. Até as obras estaduais do governo passado foram tocadas e os cronogramas cumpridos rigorosamente graças à dinâmica do prefeito Humberto Luiz Nogueira de Menezes, um empreiteiro nato e rigoroso com o dinheiro público. Agora mesmo a tão anunciada reforma do Hospital Municipal de Ponte Branca está sendo tocada com ampliação e renovação de telhado sem interrupção nos atendimentos à saúde já que os pacientes foram direcionados nova Unidade de Saúde recentemente inaugurada. Uma feira coberta que nem estava nas melhores cogitações da revista foi entregue aos produtores e munícipes neste final de 2018, uma bela pracinha no trevo de entrada da ponte sobre o Araguaia e a ponte interestadual que foi tocada pela prefeitura teve a parceria honrada pelo ex-governador de Mato Grosso. Um pouco de retrospectiva – É bom lembrar que outra obra gigantesca que teve a chancela do prefeito Humberto, embora fruto da parceria União/Estado de Mato Grosso pelo Programa MT Integrado do ex-governador Silval Babosa, digase de passagem o melhor para o Vale do Araguaia em todos os tempos embora tenha tido problemas financeiros com a justiça numa época que isso era “moda” teve o prefeito Humberto como reivindicador, parceiro e a MT100 acabou, por ele também, chegando à cidade de Ponte Branca. Ponte Branca é uma escola de gestão pública no Araguaia.

Primeiro ano 2013 lançando o asfalto na MT-100 que já chegou

Ponte interestadual que Humberto fez em parceria com Taques

Muito verde em muitas praças

A prometida reforma do Hospital Municipal

Feira Coberta: entregue neste dezembro de 2018

29


SÃO JOSÉ DO XINGU

Um prefeito do Fontoura

Com a renúncia de Luiz Castelo assumiu o viceprefeito Vanderley Soares da Silva, o Nenê da Oficina, vindo do distrito de Santo Antônio do Fontoura

I

nformações do Secretário Lúdio Barros dão conta de que finalmente aquela UBS lançada ainda na Gestão Raquel Coêlho será entregue em breve à população de Santo Antônio do Fontoura faltando, segundo disse Lúdio, neste 11 de janeiro de 2019, por telefone à reportagem de Agora, faltam menos de 5% do acabamento para que a população urbana e rural usufrua da obra a serviço do bem maior de todo mundo, a saúde. Aqui não se pretende criticar ninguém já que esse tipo de obra pública depende dos repasses dos parceiros estaduais e federais porque o município sempre cumpriu suas contrapartidas. Segundo os secretários Lúdio e Ageu neste início de ano o novo prefeito, Nenê da Oficina, como é conhecido o até então vice-prefeito Vanderley Soares da Silva, 47, nascido em Jussara, Goiás e que assumiu constitucionalmente com a renúncia do prefeito eleito em 2016, o capixaba Luiz Castelo, por motivos de saúde, pouca coisa tem a fazer por dois motivos: não se consegue tocar obras em período altamente chuvoso principalmente na região do Xingu e, também, porque os convênios estão suspensos do ponto de vista firmação ou liberações com a troca dos governantes federal e estadual e enquanto isso o Nenê vai gerindo os deveres de casa em saúde, limpeza pública, educação e assistência social de forma competente e racional. Nenê é prefeito do município todo mas como o distrito costumava reclamar que São José do Xingu levava vantagem nas políticas públicas por sediar a prefeitura, agora tem a grande oportunidade na parceria do novo prefeito que é de lá, de Santo Antônio do Fontoura, uma escolha inteligente de Luiz Castelo enquanto candidato em 2016.

Primeiro discurso ao povo no dia da posse

30

Nenê da Oficina, prefeito de São José do Xingu

Com os familiares exibindo a liminar que o amparou


SÃO FÉLIX DO ARAGUAIA

Ano novo com o pé direito

Jamais em toda a história de São Félix do Araguaia vimos rodovias de terra como BR 242 e todas as vicinais tão boas em janeiro quanto agora.

J

anaílza Taveira está agradando todos e conciliando todas as demandas desde que assumiu em 1° de janeiro de 2017. E já fez muito nestes dois anos ou 50% de seu governo. Levantou estradas como a MT-100 rumo a Novo Santo Antônio, construiu pontes, recuperou as rodovias em todos os Assentamentos Rurais, mantém o calendário de pagamentos de todos os compromissos com a Folha Municipal, os repasses, as obrigações sociais e pagamentos de fornecedores rigorosamente em dia. Reformou escolas além de reformar tantas outras como recentemente a de Chapadinha, por exemplo e sua saúde atende as necessidades de todos os munícipes. O Hospital Municipal jamais sofreu paralisação e registramos as obras de reformas e ampliação bem adiantadas neste janeiro de 2019 além da Creche em acabamento nas proximidades do Aeroporto Municipal de São Félix do Araguaia. Esta é a Gestão que mais fez e faz pelos distritos incluindo atendimentos ao grande produtor Espigão do Leste. Apoio e incentivos às rodovias BR242 e TO500 – Janaílza desde que assumiu foi a gestora que mais batalhou e apoiou a pavimentação da BR-242, que interliga a cidade de São Félix do Araguaia à BR-158 e, com os governos do Estado do Tocantins a abertura e também pavimentação dos, apenas, 90 Km da TO500 ou Transbananal que cortam a Ilha do Bananal ligando Mato Grosso ao Tocantins e consecutivamente até os portos da Bahia e, também, à Ferrovia Norte Sul que facilitará enormemente o escoamento da produção crescente das regiões do Araguaia e Xingu com destino aos mercados internacionais. Prova maior da fé da Gestora Janaílza é que até a balsa que faz a travessia do Araguaia já está em São Félix desde que ela assumiu. Agora como Mauro Mendes no Governo de Mato Grosso e Bolsonaro na Presidência da República isso será possível já que o novo presidente defende abertura das Reservas Indígenas e dos Parques Nacionais à exploração racional de suas rodovias cujas rendas serão revertidas às tribos indígenas que até agora viveram de migalhas e quase ao abandono pelos órgãos que deveriam dignificar os nossos índios.

Janaílza: Gestora competente e visionária

E não é que Janaílza já foi visitou e cobrou benefícios a Mauro Mendes! Foto cedida pela colega Inês, prefeita de Torixoréu

Reformando o Hospital Municipal a toda pressa

A Creche em acabamento e já murada

Vista interna das obras do hospital

A balsa é prova da fé na construção da TO500 e pavimentação da BR242

31


Aconteceu

Gela Goela, anos de referência

Tem sempre alguma referência nos municípios do Araguaia. Em Santa Terezinha é o pirosca do Nonato, em Vila Rica o executivo do Casa Verde e em Luciara o Gela Goela da Alzira. São anos e anos de tradição, qualidade e bom gosto o que fazem do Gela Goela uma parada obrigatória em Luciara.

Andréia e Melissa

O desperdício no “finado” Posto da Mata Todo mundo sabe que a maior injustiça praticada contra proprietários de terras no Baixo Araguaia pelo governo petista de Dilma Rouseff foi a expulsão sumária, indecente, injusta e desumana das pessoas que ali viviam e trabalhavam. Foi apropriação indébita de suas terra por ONGs influenciadas pela esquerdista Prelazia de São Félix do Araguaia apoiada pelo corrupto governo petista. São milhares de alqueires de pastagens abandonadas que deveriam alimentar rebanhos pela economia da região.

Jatinhos no solo, fim da farra de ministros Esses jatinhos da Força Aérea Brasileira faziam “turismo” com ministros petistas sob desculpa de trabalho pela pátria. Hoje só voam com ordens expressas do presidente Jair Bolsonaro por seu setor de Grupo de Transporte de Autoridades – GTA – e para atender demandas necessárias e prementes. Uma economia e tanto!

Trump, seu muro e Bolsonaro

Dona Andréia é a primeira dama do município de Araguaínha, mulher do prefeito Silvinho, pais da fofura Melissa. A pose foi feita no dia 7 de dezembro de 2018 na AMM em Cuiabá quando Silvio José de Morais, o prefeito, disputava a presidência da AMM.

Odontólogo Sérgio Ricardo O cirurgião dentista goiano, Sérgio Ricardo Rodrigues Aguiar, o filho primogênito do jornalista Generoso Rodrigues. Sérgio é profissional de alta complexidade dentro de sua área e nas horas vagas integra um grande clube de motocicletas de alta performance que percorrem o Brasil e a América de ponta a ponta. 32

O arrogante, preconceituoso e imprevisível presidente norte americano Donald Trump quer por capricho levantar um muro na fronteira do México com os Estados Unidos, anos depois que ao alemães derrubaram o Muro de Berlim. Mas o que ele precisa mesmo é botar as barbas de molho pois Bolsonaro pode, a qualquer momento expulsar os espiões e exploradores das riquezas florestais e minerais da biodiversidade brasileira disfarçados em ONGs “protetoras” dos índios. Não precisamos deles.

A fofurinha Laura

Laura é a caçulinha do casal Marília/ Faustinho Azambuja, respectivamente primeira dama e prefeito de Luciara. Laura é tudo de bom da geração luciarense de ponta, linda, educada e elegante no fulgor de uma infância araguainha feliz.


RIBEIRÃOZINHO

Esqueletos insepultos

Ribeirãozinho por sua pujança no agronegócio, por suas rodovias asfaltadas, por sediar todas as estações de distribuição de energia para Mato Grosso, Rondônia e sul do Pará no complexo Barra do Peixe tem tudo para ser o município mais “redondo” do Médio Araguaia mas um prefeito sozinho, sem a colaboração vigorosa da Câmara fica refém das crises e do desamor político. Vamos ajudar o prefeito gente!

U

ma escola iniciada em 2014 que nunca ficou pronta, um terminal rodoviário que gastou dinheiro e não foi concluído, um hospital cuja reforma se arrasta sem previsão de entrega ao povo, ruas que deveriam estar asfaltadas e com todas a infraestruturas prontas mas continuam na lama e na poeira e agora com o esgotamento das fontes de ISSQN pelas empreiteiras dos linhões e do asfalto da MT-100 que foram embora tudo ficou pior. De quem é a culpa? – Nós não inventamos matéria mas quem vive e trabalha lá, desde o Catulé Produções até o mais simplório dos braçais dizem que a culpa maior vem da falta de colaboração do Poder Legislativo, o que lidera as reclamações da população. Vereadores que recebem verbas indenizatórias e acham que isso é salário ou prêmio ao ócio. E por incrível que possa parecer chegam informações de que querem aumentar os valores dessas verbas. O correto é que eles usem esses recursos que não é ilegal, mas imoral em tempos de crise, para buscarem parcerias com o prefeito e correrem a Brasília, Cuiabá, a São Paulo enfim buscarem recursos, convênios e investimentos já que o agronegócio além de estar nas mãos de uns poucos nada “refrescam” em arrecadação pois a Lei Kandir isenta tributos quando os produtos são para a exportação. É preciso buscarem justificar os vencimentos que o povo paga a eles. Também por isso essa edição, aproveitando os ventos soprados por Bolsonaro e Mauro Mendes para cortar todas as despesas desnecessárias nos Poderes, TCE, TJ, MP, DP e Assembléia Legislativa, para que tenhamos equilíbrio e resultados caso contrário o prefeito Ronivon vaí ser somente um pagador de contas de funcionários mesmo que já tenha enxugado a máquina ao extremo, reduzindo despesas e extinguindo secretarias e transformando-as em diretorias. A revista tem mostrado Câmaras devolvendo dinheiro excedente aos executivos e até a Assembléia devolveu dinheiro que virou ambulâncias. As câmaras de São Félix, de Querência e agora a de Nova Xavantina devolveu dinheiro às prefeituras, está na hora da Câmara de Ribeirãozinho mostrar, pelo menos esta utilidade. Por isso é preciso reforma política que reduza número de vereadores e seus estratoféricos salários.

Escola sem terminar, dinheiro jogado fora?

Câmara de Nova Xavantina devolve dinheiro ao prefeito

Terminal Rodoviário inconcluso

Hospital sem reforma é ele que está doente

33


Opinião

Vem aí o site “Revista Agora Brasil”

Texto de: Generoso Rodrigues

Q

uando completei 60 anos em 2003 pensei que não teria mais fôlego para comandar a revista que mais tem durado até agora em Mato Grosso e o veículo que mais atraiu investimentos divulgando nossas potencialidades lá fora. E tivemos como parceiros desde a Viação Xavante mantida pelos então sócios Geraldo Quirino e Anísio Bueno. E fomos o veículo ponte dos governadores Frederico Campos, Júlio Campos, Carlos Bezerra, Jayme Campos, Dante de Oliveira, Blairo Maggi, Silval Barbosa e Pedro Taques e também nos rincões mais afastados e sem outros meios de comunicação social. Pelas páginas de Agora ao longo de quase 40 anos, que fecham em 15 de setembro de 2020 vieram as rodovias, as pontes, as pavimentações, as universidades, a energia, a saúde, a educação e, principalmente, o agronegócio que tirou Mato Grosso do extrativismo transformando-o no maior produtor de grãos, carne, pluma, madeira e ouro do interior brasileiro ou seja, o rei do agronegócio. Confesso que quando fiquei sexagenário pensei em parar por falta de forças. Mas aí veio alguém e me segredou que Roberto Marinho quando fez 60 anos pegou suas escrituras de imóveis, documentos da rádio e do jornal O Globo, colocou tudo embaixo do braço e buscou nos bancos financiamentos e fundou a Rede Globo de Televisão que virou a maior mídia comunicadora do país, uma das maiores do mundo. Dizem que agora, com a morte de Marinho há alguns anos e a ascensão de Bolsonaro aos comandos do Brasil a Globo perderá sua liderança nesse nicho midiático brasileiro e internacional. Mas aí já é outra história. A revista Agora tem-se equilibrado nos picos de todas as ondas desse vendaval de modernismo que trouxe o finado Orkut e seus sucessores Whatssapp, Twitter, Facebook, Blogs, Sites, e todo tipo de Redes Sociais porque, quando a gente vai negociar um patrocínio os anunciantes querem saber da confiabilidade dos veículos e suas eficácias e abrangências. E quando a gente fica com medo de ser ultrapassado nas estradas da vida todo bom motorista acelera mais desde que, com segurança. Vem um patrocinador e diz que agora é a vez dos sites, vem outros que dizem “o rádio entra num ouvido e sai pelo outro, a televisão entra por um olho e saí no outro, os sites requerem computadores ou Iphones e Smartfones avançados” e a grande a maioria dos homens públicos dizem “prefiro a revista física porque tudo fica ali documentado, registrado para os pósteros e para a história. Então, atendendo sugestões de filhos, amigos, gestores, legisladores, comerciantes, industriais, educados e educadores incluindo a Elza, proprietária do site O Repórter do Araguaia que todos conhecem como jornalista Vanessa Lima, meu filho Éber Vinicius e amigos diversos estamos criando já para estar em atividade nos próximos dias o site REVISTA AGORA BRASIL que humildemente quero oferecer ao patrimônio de comunicação social dos meus queridos Brasil e Mato Grosso, sediado em Barra do Garças. Será um site aberto ao diálogo, acatamento de críticas construtivas mas quero apenas, porque também temos esse direito, respeito profissional até porque neste fevereiro, dia 20 mais precisamente, fecho 76 anos e isso por si só já merece, nos mundos civilizados, toda consideração pois vida é sabedoria. E, “se os acréscimos do Juiz (Deus) me der mais alguns anos eu os oferecerei à reconstrução da pátria tão vilipendiada mas estarei sempre aberto a aprender. Quero contar com todos, porque com REVISTA AGORA BRASIL Mato Grosso será ainda mais rico numa complementação da grande percentagem que a revista Agora já conquistou nos primeiros 40 anos. E ela também, é claro estará no site à disposição dos leitores, colecionadores e educandos. O site jamais será usado para atender críticas ou baixarias de cunho pessoal pois estará acima de todos os interesses subjetivos sempre para servir e honrar as conquistas das espécies e das coisas consideradas como bens materiais e imateriais da humanidade.

34


Profile for Revista Agora Brasil

Revista Agora 187  

Revista Política de Barra do Garças, sobre cenário de Mato Grosso Capa Se, como diz o apresentador Ratinho, o homem mais honesto do Brasil...

Revista Agora 187  

Revista Política de Barra do Garças, sobre cenário de Mato Grosso Capa Se, como diz o apresentador Ratinho, o homem mais honesto do Brasil...

Advertisement