Page 1


Editorial Para anunciar (11) 4534.0519 Curta a Q qrevistaoficial

Acompanhe nosso site www.qrevista.com.br Siga a Q Q_Revista

e-mail: contato@qrevista.com.br

Faça parte da Q qrevista

revista

Siga a Q @qrevista

FOTO CAPA Juliana Coutinho DIRETOR RESPONSÁVEL David Benedetti - MTB: 64.709-SP david@qrevista.com.br

E

mais uma edição se inicia, e com uma ótima notícia!!! Os ingressos do Q Boteco 4ª Ed. se esgotaram com dois meses de antecedência ao dia da festa. Isso nos faz perceber todo o carinho de vocês que nos acompanham e prestigiam a todo momento, muito obrigada! Agradecemos, também, a todos que irão participar com a nossa equipe nesse evento tão esperado. Para quem não conseguiu comprar seu ingresso, não desanime, teremos uma festa em outubro com o tema “Baile de Máscaras”, aguardem mais divulgações nas próximas edições. Nossa capa é atriz, apresentadora, esposa do cantor Thiaguinho, Youtuber, protagonizou a Mili de Chiquititas e muito mais. Fernanda Souza é sensação por onde passa, sempre muito extrovertida e animada, muda todo ambiente ao seu redor com a sua energia. Ela é nossa capa com muito prazer, sim!!! Como nesse ano a copa do mundo será na Rússia, a nossa equipe pesquisou para vocês muitas curiosidades sobre essa terrinha que já venceu até o Napoleão! Ainda sobre o tema, falamos a respeito do álbum de figurinhas do evento, trazendo várias histórias de colecionadores que contam como conseguiram completar seus álbuns desta e de outras copas. Para fechar o editorial com um tema que particularmente adoro, preparamos uma matéria para vocês sobre o dia do hambúrguer (28 de maio). Contamos a história dessa comida que está cada vez mais presente no nosso dia a dia. Nossa equipe também pesquisou, provou, aprovou e nos contou sobre três cafeterias da cidade. Acompanhe-nos e fique com água na boca. Pessoal, espero que gostem da nossa edição que foi feita com muito carinho para vocês. Aguardem a próxima publicação de junho, que virá recheada de fotos da festa do Q Boteco 4ª Ed. Até a próxima, fiquem com Deus.

David Benedetti e Danielle Dalcin Benedetti

DIRETORA EXECUTIVA Danielle Dalcin Benedetti - MTB: 64.708-SP danielle@qrevista.com.br JORNALISTA Giovane Almeida - MTB: 0080910/SP redacao@qrevista.com.br DESIGNER David Benedetti Bianca Glicério Fernandes • arte@qrevista.com.br COMERCIAL Cauê Rossi • contato@qrevista.com.br AUDITORIA Athros | ASPR auditores independentes TIRAGEM: 10 mil exemplares DISTRIBUIÇÃO: Foco Distribuição AGÊNCIA RESPONSÁVEL Q CRIATIVE Rua Benjamin Constant, 433 - Loja 3 Centro - CEP 13250-340 - Itatiba - SP CONTATO Tels.: (11) 4534.0519 (11) 99804-9105 (Dani) / 98149-0634 (Cauê) contato@qrevista.com.br • www.qrevista.com.br ASSESSORIA JURÍDICA Advocacia Bortolossi Mariah Carminatti Campos Leme Bortolossi Tel.: 4524-0804 Natália Penteado Sanfins Gaboardi LMN ADVOGADOS ASSOCIADOS (11) 4524-3691 / 4524-8556 / 99787-6646 A Q Revista não se responsabiliza por eventuais mudanças na programações fornecidas, bem como pelas opiniões emitidas nesta edição. O conteúdo dos anúncios publicados na Q Revista é de total responsabilidade dos anunciantes.


cultura

beleza

12 Кубок мира из россии DA COPA DO MUNDO 2018 É SENSAÇÃO ENTRE CRIANÇAS E ADULTOS 14 ÁLBUM que foram parar nas telonas em 2018 16 Livros

iluminados, loiros naturais e platinados... e depois? 32 Castanhos 36 Eles se cuidam sim!

SAÚDE

Gastronomia

16 Vida longa ao hambúrguer café e uma boa por favor 18 Umcompanhia, esporte na hora de por os pequenos para correr 22 Está

veículos falar em 24 Jácarroouviuhíbrido?

MARKETING PESSOAL E CORPORATIVO

26

Vista-se bem em eventos profissionais e garanta credibilidade na sua marca pessoal

capa • página 28

de Casal na abordagem do EMDR 36 Terapia 38 SAÚDE É O QUE INTERESSA? 40 42 ANDO CANSADO DEMAIS! DENTÁRIAS GANHAM EM EFICIÊNCIA E ESTÉTICA 44 RESTAURAÇÕES 46 O SONO 48 O FINAL DOS ANOS 90

Rafael Lopes participa da maior feira ótica do mundo em Milão, a MIDO Show Eyewear

Rafael Lopes participa da maior feira ótica do mundo em Milão, a MIDO Show Eyewear fundador da ótica rafael lopes esteve presente na itália em busca de novas tendências

O

ótico Rafael Lopes, CEO e fundador da Ótica Rafael Lopes, prestigiou a maior feira mundial do segmento ótico, que aconteceu de 24 a 26 de fevereiro, em Milão na Itália. A 48ª edição da MIDO Eyewear Show 2018 contou com 1 mil e 305 expositores e um público estimado em 58 mil pessoas, que puderam conferir as principais tendências em óculos (incluindo esportivos), lentes e acessórios em até 26 pavilhões que dispõem de 345.000m² de espaço coberto e 60.000m² ao ar livre. Além de conhecer as novidades e tendências do mundo ótico, Rafael visitou lojas e estandes das maiores empresas internacionais do segmento. Com isso, trouxe para o Brasil muita inspiração, conhecimento e novas tecnologias para as próximas coleções.

“Teremos em breve uma nova coleção para a nossa marca, com base nas novidades do MIDO Eyewear. Posso adiantar que os óculos serão lançados com o que há de mais moderno no mundo e, é claro, seguindo as tendências de Milão, como por exemplo óculos com lentes base zero, double bridge, óculos de madeira, bambu e até pedra”, conta com entusiasmo Rafael Lopes. Anteriormente, Rafael já esteve presente em outras feiras internacionais do segmento, como a Silmo em Paris. “A nossa intenção é participar de mais eventos como este, onde fazemos contato e agregamos conhecimento. Buscamos sempre inovar e explorar novos conceitos, novos estilos e, é claro, novas experiências”, disse, prometendo cobrir outras exposições internacionais relacionadas ao mercado.

Rafael Lopes, CEO e fundador da Ótica Rafael Lopes, na Feira MIDO Eyewear 2018 em Milão, Itália

Por aqui, já estamos ansiosos para a nova coleção da marca Rafael Lopes, que mais uma vez mostra a sua constante evolução, principalmente no que diz respeito ao mundo da moda e atualidades.

ONDE ENCONTRAR A Ótica Rafael Lopes está localizada no Bella Vista Boulevard e também disponibiliza venda de seus óculos pela internet. Endereço: Rua Rui Barbosa, 276, Piso Térreo, Centro de Itatiba/SP. Contato: (11) 94261-5182 ou (11) 4524-5547. Site: www.oticarafaellopes.com.br.

turismo SOBRE ORLANDO QUE NINGUÉM PACIÊNCIA PARA TE EXPLICAR 50 UMTEVEPOUCO CONTA COM GASTRONOMIA RURAL ATRATIVA 52 ITATIBA

EDUCAÇÃO

54 missão: VESTIBULARES TECNOLOGIA QUE PODEM (E COMO) FACILITAR A SUA VIDA 56 APLICATIVOS


CULTURA

Кубок мира из россии

Não, a gente não errou no título. A Copa do Mundo é dos russos mesmo.

E

por Giovane Almeida

objeto de estudo. Os russos são desconfiados com tudo e demoram um pouco para se soltarem com novas pessoas e confiarem totalmente. Mas, com o tempo de convívio, assuntos e jogo de cintura, eles conseguem ficar mais confortáveis, simpáticos e hospitaleiros, podendo até te mandar um convite de amizade no VKontakte para vocês manterem contato.

Nada de chegar à casa de um russo e cumprimentá-lo logo na porta. Ou fala oi antes de entrar ou depois. Não embaixo da porta. Eles acreditam que dá azar, assim como alguns de nós, brasileiros, não gostamos de passar por baixo de escada. E, ao visitar alguém, não espere um banquete. Eles mantêm o hábito de receber visitas com pão enfeitado e sal. Isso mesmo, sal. O motivo é bastante interessante: o pão sempre foi um alimento especialmente valorizado pelos russos. Isso se dá porque eles admiram o processo de produção do alimento – lavrar a terra, semeá-la, colher a safra, debulhar, mandar para o moinho e converter em farinha. Já o sal se tornou valorizado desde a Rússia Antiga porque era raro e custava muito caro. Então, para receber uma visita com orgulho nada mais justo do que o alimento mais trabalhoso e o mais caro. E tem gente que esperava ser recebido com uma dose de vodka...

12

ABRIL/MAIO2018

Ops, você não sabe o que é VKontakte? Ela é a maior rede social da Rússia, mais popular que o Facebook e o Twitter. Também chamada de VK, a rede possui mais de 340 milhões de pessoas cadastradas e seu maior atrativo é a função das comunidades, bem parecida com o falecido Orkut, que fez bastante sucesso no Brasil. Os irmãos Nikolai e Pavel Durov foram os idealizadores da rede e também os responsáveis pela criação do Telegram, aplicativo de mensagem semelhante e concorrente ao WhatsApp. Então já sabe: se for pisar em terreno russo, já está na hora de fazer seu perfil no VK. FOTO: BANCO DE IMAGENS

que você já sabe que o maior evento esportivo aguardado com ansiedade pelos brasileiros acontecerá no maior país do mundo, a Rússia, isso não é novidade – anota aí: a festa começa no dia 14 de junho. Mas, além de sabermos que nossos jogadores vão disputar a taça por lá, decidimos conhecer um pouco mais sobre a cultura dos nossos anfitriões para não fazer feio se, por ventura, te der vontade de embarcar no primeiro voo rumo a Moscou.

Por falar dela, a cargo de curiosidade, a palavra vodka deriva de “voda”, que significa água. Sua tradução literal seria “pequena água”. Ela surgiu na Rússia no século XV, ou seja, os russos a bebem há, pelo menos, 600 anos. Haja estômago. A bebida se popularizou no país por diversos motivos, sendo o principal para manter o corpo aquecido dos invernos rigorosos. Assim como alguns brasileiros gostam de oferecer nossa famosa cachaça ou cervejinha aos gringos, é claro que os russos também não perdem a chance quando um estrangeiro chega ao seu país. Eles oferecem a dose acompanhada de um alimento. Adivinhe qual. Isso mesmo: pão. E não pense que é fácil interagir com um russo, não. Devido às condições climáticas bastante frias, a personalidade e temperamento da população russa não é algo atraente como nos países mais quentes. Isso já foi

A Rússia tem muitos outros fatos interessantes que a colocariam no topo de qualquer lista de países para se visitar. É uma cultura que merece ser conhecida. O país, escolhido como sede da Copa do Mundo, dominará nossas televisões e internet daqui a alguns meses e, apesar dos russos serem grandes anfitriões com seus pães e sal, nosso objetivo permanece o mesmo: trazer o hexa para casa – e, por que não, uma dose de vodka. WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


C

om 682 espaços em brancos a se preencher, o álbum da Copa do Mundo 2018 foi lançado e tem muita gente disposto a completá-lo antes de junho. Crianças, jovens e adultos entraram nessa corrida contra o tempo à caça de suas figurinhas faltantes que, devido a grande popularização do álbum, não são difíceis de encontrar. Colecionadores de todas as cidades do país têm se reunido em locais públicos para facilitar suas trocas de repetidas – e até vendê-las para quem se interessar – , e em Itatiba não é nada diferente.

Assim como em outras edições do álbum, os itatibenses têm se reunido aos domingos de manhã na praça próximo ao fórum da cidade. Ali é o lugar exato para se desfazer das João Pedro Lopes - 11 anos repetidas e garantir mais um bom número de espaços preenchidos. Exemplo disso é João Pedro Lopes, de 11 anos, que coleciona o álbum desde a edição de 2014 no Brasil, e marca presença com sua família para trocar suas figurinhas. “Pretendo completar o álbum trocando minhas repetidas, porque acho muito difícil só comprando os pacotinhos”, diz o menino acompanhado da tia Julia Pereira, que o leva nos dias de troca. Até o final dessa matéria, Julia contou que restavam apenas 70 figurinhas para que ele completasse o álbum. Ela, que também coleciona, revelou que pretende ajudar o sobrinho a concluir e depois querem comprar a edição de capa dura para também colecionar. E quem disse que álbum de figurinha é coisa de menino? É coisa de menina também! A jovem Beatriz Denoni, de 20 anos, já garantiu seu exemplar e está se dedicando ao máximo para con-

14

ABRIL/MAIO2018

ÁLBUM DA

COPA DO MUNDO

2018

É SENSAÇÃO ENTRE CRIANÇAS E ADULTOS Faltam alguns meses para os jogos começarem, mas o que importa é já ter a escalação pronta – mesmo que seja de figurinhas. por Giovane Almeida

seguir as figurinhas. Beatriz, que já colecionou outros álbuns antes, disse que prefere o da Copa porque todo mundo participa e acaba fiBeatriz Denoni - 20 anos cando bem mais fácil de completar. “Ainda falta em torno de 60% do álbum para eu completar, mas trocando com os amigos, que também estão colecionando, logo eu termino”, diz a jovem. Já a estudante Iohanna Cavalcanti, também de 20 anos, que completou mais da metade do álbum em apenas uma semana – conseguiu reunir 512 figurinhas em sete dias – afirma que pretende comprar algumas avulsas, vendidas por R$ 0,40 por alguns colecionadores. “Sempre gostei de colecionar álbuns de futebol de diferentes campeonatos. Coleciono desde os oito anos. Tenho completo todos desde

a Copa de 2006, na Alemanha”, conta a jovem que, sem dúvida, quer ver a edição de 2018 concluída dentro de alguns dias.

Se tem espaço para crianças e jovens colecionarem os álbuns, nada mais justo do que os adultos também fazerem parte dessa paixão. Rodrigo Majolini, de 36 anos, que coleciona álbuns de campeonatos desde criança – e da Copa desRodrigo Majolini - 36 anos de 2006 – é um deles. Questionado sobre o álbum, ele afirma que conhece pessoas até mais velhas do que ele que estão tão interessados em completar a coleção quanto as crianças. “Isso não tem idade. É para quem gosta mesmo de futebol”, diz. Rodrigo, que também vai à praça para trocar figurinhas, conta que vê outros adultos e isso é natural. “Às vezes pensamos que eles estão lá por causa dos filhos, mas, na verdade, quem está colecionando são eles”. O colecionador, que em sete dias conseguiu completar 382 espaços, diz que compra os pacotes duas vezes por semana e que pretende completar o álbum apenas trocando com outros colecionadores. “Há a possibilidade de comprar, mas eu não gosto disso. O legal é fazer a troca.” Já deu para ver que colecionar álbum de figurinhas não tem idade nem gênero, basta querer e se enturmar com outros colecionadores para completar o mais rápido possível. Da edição de 2014 até a atual, o número de figurinhas para preencher aumentou de 640 para 682, mas isso não impediu ninguém de correr às bancas para garantir o álbum e torcer, até mais do que os jogos, para vê-lo completo com todos os jogadores. Para quem ainda não comprou, ainda dá tempo de se divertir.

Iohanna Cavalcanti - 20 anos revista A informação que fica!

FOTO: ARQUIVO PESSOAL

CULTURA

WWW.QREVISTA.COM.BR


CULTURA FOTO: ARQUIVO PESSOAL

Livros que foram parar nas telonas em 2018

Eles não dominaram só as livrarias. Queriam o cinema também – e conseguiram.

P

ara quem ama ler, não há alegria maior do que ver sua obra favorita ganhar vida. É uma felicidade que não cabe no peito ao ver que a história pelo qual você é apaixonado vai existir de verdade – pelo menos nas telas do cinema. A expectativa e ansiedade sempre são grandes para se saber quem interpretará nossos protagonistas e vilões, quando o primeiro trailer será lançado e, claro, a data de lançamento para reservarmos na agenda. Tantos clássicos e best-sellers da Literatura como O Iluminado, Orgulho e Preconceito, Clube da Luta, Harry Potter, Crepúsculo, entre outros, já foram adaptados – alguns dignos de Oscar – e fazem com que, ao longo dos anos, nossa esperança cresça a ponto de sonharmos que todos os livros merecem se tornar filmes – e por que não, né? Mesmo que esse sonho ainda não foi realizado, vale acreditarmos no presente e conhecermos as obras que invadiram e vão invadir as telonas em 2018 e que você não pode perder. Convida o mozão, o crush, o @, compra a pipoca e confira esses sucessos aqui, ó:

GIOVANE ALMEIDA é jornalista especialista em Estratégia em Mídias Sociais pela Universidade de Toronto e estuda sua segunda especialização em Língua Portuguesa e Literaturas. É escritor e autor do livro “Tô Pra Lá do Canadá: Um Diário de Intercâmbio”.

ME CHAME PELO SEU NOME – ANDRÉ ACIMAN (INTRÍNSECA, 2018)

Indicado ao Oscar nas categorias Melhor Filme, Melhor Ator (Timothée Chamalet), Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Canção, o longa traz a história do romance entre um adolescente italiano e um jovem rapaz americano que, durante o verão, visita sua família para fazer pesquisas acadêmicas ao lado de seu pai, que é professor universitário. O filme, que ganhou grande destaque pela sua representatividade LGBTQ, foi um dos favoritos da maior premiação do cinema, levando a estatueta de Melhor Roteiro Adaptado. Dirigido por Luca Guadagnino, a produção também contou com a contribuição do brasileiro Rodrigo Teixeira.

SIMON VS. A AGENDA HOMO SAPIENS BECKYALBERTELLI (INTRÍNSECA, 2016)

CINQUENTA TONS DE LIBERDADE E. L. JAMES (INTRÍNSECA, 2012) A história de Anastasia e Christian Grey chegou ao episódio final da trilogia do best-seller Cinquenta Tons de Cinza, que dividiu opiniões sobre sua adaptação ao cinema. Depois de trocarem alianças no altar, o casal passará enfrentar os desafios da vida do matrimônio e precisarão se proteger contra aqueles que não estão felizes com essa união. De todos os filmes, o terceiro conta com cenas muito mais quentes do que os anteriores como forma de presente aos fãs que aguardaram com ansiedade pelo filme.

E por falar de representatividade, adaptado para o nome “Com amor, Simon”, a obra da americana e psicóloga Becky Albertelli também conquistou o coração dos jovens com a história de Simon, um adolescente homossexual que questiona a necessidade de se assumir publicamente sendo que seus amigos heterossexuais não precisam passar por esse constrangimento. É um filme emocionante que vale a pena assistir para conhecer um pouco da realidade vivida por adolescentes gays e entender a luta interna que vivem perante uma sociedade preconceituosa.

JOGADOR Nº 1 ERNEST CLINE (LEYA BRASIL, 2012)

ROLETA RUSSA

JASON MATTHEWS – (ARQUEIRO, 2014) O suspense, que chegou ao cinema com o nome de “Operação Sparrow”, teve ninguém menos como a vencedora do Oscar Jennifer Lawrence na pele da personagem Dominika Egorova que, após ser vítima de uma sabotagem e perder seu pai, entra para o serviço secreto da Rússia, estuda técnicas de sedução para espionagem e recebe uma importante missão que a envolverá em um duelo de ainteligência e atração. Esse é um daqueles filmes que não dá para piscar.

A adaptação desse sucesso distópico conta com a direção de ninguém menos do que ícone Steven Spielberg. A história, que se passa no ano de 2044, conta a trajetória do jovem Wade Watts que fica preso em um universo virtual chamado Oasis onde ele terá uma luta contra o tempo para encontrar pistas e sobreviver nesse futuro pós-apocalíptico. O longa é uma das grandes apostas da Warner Bros. para 2018. Você está mais do que preparado para fazer uma maratona de filmes bem legal. Agora, nos vemos na próxima edição em que tratei as telenovelas brasileiras que foram inspiradas em livros. Você vai se surpreender com a quantidade de referências que encontrei. Até mais!

16

ABRIL/MAIO2018

Gosta de ler? Que tal fazer parte de um clube do livro pra lá de interessante? Leia o código abaixo e entre no nosso grupo:

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

17


GASTRONOMIA

FOTO: ERAMENTE ILUSTRATIVA/BANCO DE IAGENS

Vida longa ao hambúrguer Para comemorar o sabor inigualável, eles também têm um dia para chamar de seu.

por Giovane Almeida

H

O hambúrguer é velho. Isso é fato. Apesar de seu formato atual ter surgido por volta do século XVIII, ele começou a ser produzido pelo povo tártaro, lá no século XII, quando eles colocavam a carne embaixo das selas e cavalgavam com ela, tornando o bife uma espécie de pasta. Sim, isso não é nada legal, mas para a época era o jeito mais fácil de transportá-lo sem estragar. Os russos, ao conhecer a novidade logo adaptaram ao seu modo, até que no século XV apresentaram o bife tártaro aos alemães. E foi na terra de Einstein, mais precisamente na cidade de Hamburgo – sugestivo – que o hambúrguer se formou como é hoje e popularizou. E tem gente que diz que foi criação dos americanos... Mas tem uma explicação por se pensar que o alimento é da terra do Tio Sam: eles foram os primeiros a apresentar o sanduíche de hambúrguer, ou seja, o pão com hambúrguer em uma exposição culinária em St. Louis, no estado de Missouri, junto com o sorvete de casca em forma de cone. O primeiro restaurante a vender foi o White Castle, fundado em

18

ABRIL/MAIO2018

FOTO: DANI DALCIN BENEDETTI / Q REVISTA

á quem diz que o mês de maio é das mães. Outros, das noivas. Mas, mesmo elas tendo uma grande importância para se celebrar, que é inquestionável, os apaixonados pelo hambúrguer reivindicaram o título e o deram a sua iguaria, que merece seu espaço assim como todo mundo – até porque não é tudo nessa vida que dura mais de 900 anos. Mas, antes de revelar a data para festejar, que tal conhecer um pouco da história desse alimento que conquista estômagos ao redor do mundo? 1921, e, em 1955, uma rede chamada Mc Donald’s decidiu investir, tornando-se a cadeia de restaurantes que mais vende hambúrgueres no mundo e que, segundo dados estatísticos, vendem em torno de 75 sanduíches por segundo. No Brasil, o hambúrguer só ficou conhecido em 1952 com o primeiro restaurante do segmento no país que se instalou em Copacabana, no Rio de Janeiro: o Bob’s. Com o passar dos anos, novas redes vieram e o brasileiro passou não só a se apaixonar pelo hambúrguer como decidiu inovar e criar receitas que o deixaram ainda mais saboroso e irresistível. Exemplo disso é o casal itatibense João e Raquel Reis, da hamburgueria Rustic Burger, que topou a missão de deixá-lo ainda mais gostoso. Eles, que sempre se sentiram atraídos pelo ramo alimentício, decidiram investir na proposta com hambúrgueres de primeira qualidade em Itatiba. “Existem alguns segredos para a preparação de um bom hambúrguer, mas o principal é a utilização de carne de primeira qualidade, fresca e limpa. No nosso caso, por exemplo,

utilizamos a costela como produto principal”, revela João. O empresário conta que a preparação dos pães também é importante e são feitos por receita própria – levam até 16 horas para ficarem no ponto para que se tenha uma textura e maciez diferenciada. Além dos principais, pão e hambúrguer, João diz que alguns complementos não podem faltar para deixar a experiência ainda mais saborosa. “As maioneses, é claro, não podem faltar. São os molhos que mais dão sabor aos lanches e trazem verdadeiras viagens degustativas em nosso paladar. Temos nossa maionese da casa que é uma verdadeira delícia.”, acrescenta. O lanche mais popular da hamburgueria leva seu próprio nome, Rustic Burger, e conta com bacon, cebola caramelizada, picles e molho levemente picante. É de dar água na boca. Se nos bastidores das hamburguerias existe toda essa paixão durante a produção do hambúrguer, é mais do que justo que ele tenha uma data mundial a se comemorar pelo carinho que é tratado. Não há uma explicação exata para o dia escolhido. O que se sabe é que o mundo todo fica em festa agradecendo os tártaros, russos, alemães e, por que não, brasileiros, por terem criado algo tão bom de comer. Anote aí na agenda: 28 de maio é o dia certo para saborear um hambúrguer com tudo que se tem direito.

ONDE ENCONTRAR RUSTIC BURGUER Rua Rui Barbosa,535 Tels.: (11) 4495-2230 / 95902-6422 WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


GASTRONOMIA

Um café e uma boa companhia, por favor

Conheça os locais em Itatiba que você merece entrar para tomar um golinho, que seja.

20

ABRIL/MAIO2018

ISTA

Ser apaixonado por café não é loucura. É prazer. Ainda mais para os brasileiros, que são os maiores exportadores de café do mundo. Para a biomédica Carolina Vidotto Ponsoni, por exemplo, declarada viciada em cafés, a bebida, além de deixá-la bem, combina com qualquer momento da vida. “É um companheiro para mim nas horas boas e ruins. Combina com tudo.”, diz. Carolina gosta de acompanhar a bebida com uma fatia de bolo ou bolachinhas e confessa ser seu fiel companheiro durante as horas de estudo, leitura ou quando pretende assistir a um filme. Já para o estudante Vitor Matteuzzo, além de prazeroso, o café é necessário pela manhã e a tarde, mas tem dias que toma com mais frequência, dependendo da ocasião. “Amo o aroma e o sabor. Não consigo ficar um dia sequer sem beber. Para mim, o dia só começa bem depois de uma boa caneca de café. É meu energético”, conta. A bebida também se faz presente na vida do jovem durante suas atividades diárias como estudar, ler e escrever. Sim, o café é um bom parceiro. TTI / Q REV

A Dolce Famiglia é uma ótima opção para tomar uma ‘xicrinha’. Além dos cafés tradicionais, eles possuem cafés gelados e especiais e um buffet com um menu diversificado com salgados, doces, bolos e tortas para caso bater aquela fome. Vale a pena conferir – e provar. O Café com História, que foi eleito ano passado como o melhor café do estado de São Paulo na categoria Cultivo Natural, também é uma cafeteria com opções de salgados e lanches e conta com um ambiente bastante confortável e acolhedor. É um bom lugar tanto para reuniões, encontros ou até mesmo para levar um livro e relaxar. Já o Hasbaya Café, que é uma das novas cafeterias loca-

lizada no centro da cidade, tem um cardápio variado de cafés, bebidas e salgados e, são tão apaixonados pelo o que fazem, que possuem seu próprio café e os clientes podem comprar e preparar em casa.

EDE I DALCIN BEN FOTOS: DAN

F

orte, fraco, muito e pouco. Existe uma dose certa de café para tudo. Aos apaixonados pela bebida, uma xícara ou uma caneca cheia é essencial para começar o dia com disposição. Há também quem só o procura para se manter acordado, devido a uma noite ruim de sono ou excesso de atividades, ou esquentar o corpo nos dias de frio. É isso: o café, além dos seus inúmeros sabores, faz-se presente em qualquer ocasião – e se tiver uma boa companhia e um ambiente aconchegante, fica ainda melhor. Em Itatiba, lugar para tomar um cafezinho com os amigos e familiares não falta, e por isso você conhecerá agora algumas sugestões de cafeterias que merecem um horário na sua agenda para visitá-los.

por Giovane Almeida

O amor por essa bebida se tornou inquestionável e o relacionamento entre ela e seus fãs pode ser duradouro sim.

O café, que já foi estudado por cientistas que comprovaram benefícios em seu consumo moderado como proteger o organismo contra algumas formas de câncer, pode ser consumido diariamente – de três a quatro xícaras de 150 ml, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Não há perigo. Só é preciso preparar com carinho. E então, vamos tomar um cafezinho?

ONDE ENCONTRAR DOLCE FAMIGLIA Rua Atílio Lanfranchi, 350 Bela Vista - Itatiba/SP Tels.: (11) 4524-4281 / 4538-3265 dolcefamiglia.itatiba dolcefamiglia HASBAYA CAFÉ Rua Duarte Pacheco Pereira, 55 Centro - Itatiba/SP Telefone (11) 4487-1105 e-mail: atendimento@hasbayacafe.com.br Site: hasbayacafe.com.br CAFÉ COM HISTÓRIA Av. Mal. Castelo Branco, 2001 Jardim da Luz, Itatiba - SP Cel.: (11) 94771-9622 Café com História WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


Terça a Quinta e Domingo: 18h às 23h Sexta e Sábado: 18h às 00h

11 4487-2037 ∙ 11 97127-5613 Rua Cel. Camilo Pires, 218 - Centro | Itatiba/SP WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

21


FOTO: ARQUIVO PESSOAL

Está na hora de por os pequenos para correr

FOTO: ANCO DE IMAGENS

ESPORTE

O

s benefícios que hábitos saudáveis como a prática de exercícios físicos e alimentação balanceada trazem para o organismo humano são inúmeros, e isso é inquestionável independente da faixa etária. Quanto mais cedo se dá essa prática - na infância, por exemplo - o corpo promove maior desenvolvimento motor e cognitivo, previne doenças e auxilia em um crescimento saudável. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 41 milhões de crianças menores de cinco anos sejam obesas ou estejam acima do peso no mundo. No Brasil, onde a obesidade infantil cresce mais rapidamente do que em outros países, a situação é preocupante: segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), uma a cada três crianças brasileiras, entre cinco e nove anos, estão com o peso acima do recomendado pela OMS. Os fatores notados que mais atingem as crianças são o consumo de produtos industrializados, que possuem altos valores calóricos e baixos nutricionais, o acesso às novas tecnologias, que consomem seu tempo como games, computadores e celulares, tornando a atividade física desinteressante, e os grandes índices de violência urbana que atuam diretamente

22

ABRIL/MAIO2018

FOTO: ARQUIVO PESSOAL

Os índices de obesidade infantil têm crescido ao redor do mundo e é preciso atenção. por Giovane Almeida na decisão dos pais em permitir seus filhos brincarem ao ar livre. Eles contribuem, infelizmente, para o ganho de peso e sedentarismo. Para o educador físico Emerson Gomes Santos, o primeiro passo para mudar a rotina da criança é deixá-la escolher a atividade física que sente vontade de fazer. Se ela não tiver prazer no que faz, não sentirá interesse em continu-

Uma técnica interessante para se trabalhar com crianças é saber inovar as atividades físicas. Trabalhar com a imaginação delas enquanto se exercita é um ótimo caminho para que não se cansem ar. “Uma técnica interessante para se trabalhar com crianças é saber inovar as atividades físicas. Trabalhar com a imaginação delas enquanto se exercita é um ótimo caminho para que não se cansem”, explica. O educador também revela que os pais devem se manter atentos à alimentação dos pequenos e incentivar a procura de exercícios. “Os

pais devem servir de exemplos, afinal, eles são o espelho de seus filhos”, conclui o profissional. A atividade física na infância tem papel fundamental no crescimento e sua prática não é prejudicial à saúde quando realizado com orientação e segurança. Além da qualidade de vida, ter uma rotina de exercícios garante fortalecimento dos ossos, músculos e articulações, melhora a postura, equilíbrio, autoestima, foco, concentração e garante domínio do próprio corpo. Com a prática de exercícios frequentes, realizados de forma leve e agradável, a criança criará seu próprio hábito e o levará ao longo da vida, procurando novas atividades, tornando-se um adulto ativo e evitando doenças que passaram a ser vistas como comuns na sociedade como diabetes, hipertensão e até mesmo a depressão. É bom se manter alerta desde já.

ONDE ENCONTRAR NÚCLEO KIDS Rua Atilio Lanfranchi, 153 Bela vista - Itatiba/SP TEL.: (11) 4487-1260 WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

23


por Giovane Almeida

VEÍCULOS

Já ouviu falar em carro híbrido?

E

m um cenário onde sustentabilidade é um dos caminhos para preservação ambiental, o carro híbrido surge como a melhor opção quando o assunto é mobilidade urbana. Frente aos problemas de poluição em massa vistos com frequência em todo o mundo, os fabricantes automobilísticos procuraram criar um veículo alternativo que não fosse tão poluente como os atuais e trouxesse qualidade e conforto aos motoristas. Assim surgiram os carros híbridos. Mas, como eles são? Diferente de outros modelos, o automóvel híbrido vem equipado com dois motores: um que funciona com combustível (gasolina) e um elétrico, que se utiliza da energia cinética gerada pela queima do combustível. Com essas funções, o veículo tem uma potência maior se comparado aos carros convencionais, pois utiliza a energia de dois motores, tornando-se assim desejado pelos motoristas pelos seguintes motivos: gasta menos combustível, é mais fácil e confortável para dirigir devido ao funcionamento do motor e possui níveis baixos de poluição. Em relação ao seu desempenho, os veículos híbridos têm peças meno-

24

ABRIL/MAIO2018

res e mais leves que funcionam com menor quantidade de cilindros. Para se ter uma comparação, motores maiores consomem energia adicional e eleva o consumo do combustível. Os híbridos também utilizam sistema de recuperação de energia cinética, aumentando assim a autonomia da bateria. Ao frear, por exemplo, esse sistema recupera a energia, que seria perdida, e converte em elétrica, armazenando-a nas baterias responsáveis por alimentar o motor. Aqui está outro benefício: energia regenerativa. Atualmente, existem três tipos de veículos híbridos: os Híbridos-Paralelos, que são modelos mais antigos, e sua locomoção acontece pelo motor à explosão – o elétrico se configura apenas como um auxílio para aprimorar o desempenho; os Híbridos-Série, que em alguns modelos o motor elétrico é o responsável pela locomoção do automóvel e o motor à explosão faz funcionar o gerador de energia que recarrega suas baterias necessárias para o automóvel se locomover; e o Híbrido Misto, que une as características do sistema em série com o paralelo, fornecendo energia às rodas ao mesmo tempo que gera eletricidade utilizando

o gerador – neste caso é possível usar somente o sistema elétrico. Contudo, mesmo com tantas qualidades, os veículos híbridos podem ter suas desvantagens. A principal, sem dúvida, é seu preço. Ele não é nada barato no Brasil, devido a falta de incentivo e investimento, e, à título de comparação, os híbridos são até 50% mais caros do que os automóveis convencionais. O governo brasileiro demonstrou interesse nos últimos anos visto que esse tipo de carro não é fabricado no país e precisa ser importado, o que encarece muito em relação aos impostos. Outra desvantagem é que não é possível reutilizar as baterias que fazem parte do modelo híbrido: é preciso comprar baterias novas e o seu preço, claro, também não é barato. Para 2018, o número de lançamentos desses veículos, cada vez mais sofisticados e econômicos, deve crescer. Grandes marcas como Porsche, Volvo, Toyota, Land Rover e Jaguar já investem nesse novo formato, mesmo com valores altos no mercado, mas que prometem popularizar o veículo híbrido ao longo dos anos e influenciar a produção automobilística de outras empresas. Resta aguardar. WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!

FOTO: DANI DALCIN BENEDETTI / Q REVISTA

Mesmo com poucos incentivos de importação ao Brasil, o mercado de automóveis híbridos tem crescido pouco a pouco no país. Vale a pena conhecer.


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

25


Vista-se bem em eventos profissionais e garanta credibilidade na sua marca pessoal

V

estir-se bem é tão relativo! Pra começar depende de gosto e estilo de cada pessoa - e estes, cada um tem os seus. Mas independente de questões pessoais, nas roupas, o vestir-se bem tem a ver com o tecido escolhido, a forma das peças, a adequação ao formato de corpo e seu consequente caimento. Somamos ainda, como responsáveis pelo “vestir-se bem”, a escolha dos sapatos e acessórios diversos. E de nada adianta conhecer de cor todo este check list, se as cores para a composição da imagem forem eleitas sem critério! No dia a dia profissional há momentos em que não saimos da rotina e nos mantemos “seguros” da nossa imagem pessoal. Mas há outros, como reuniões com pessoas importantes, entrevistas, apresentação de resultados, eventos internos e externos, em que abrir o guarda roupa e escolher

26

ABRIL/MAIO2018

o que usar no dia acaba sendo um transtorno. Outras até um soco na auto estima.

contraste entre as duas cores escolhidas, saiba que o bicolor te deixará sempre elegante!

Quando a questão de se vestir bem num ambiente profissional é levantada é necessário reconhecer o que significa vestir-se bem. Na esfera corporativa, o que deve sempre ser privilegiada é sua postura e conduta frente ao seu trabalho, o quanto tem competência, talento e equilíbrio, o quanto está preparado ou preparada para o que der e vier. Assim, para que sua imagem visual não atrapalhe, mas ajude sua comunicação verbal, tenha em mente: quando vou me vestir bem profissionalmente devo almejar elegância.

O bicolor pode ser criado com uma cor em cada peça principal ou apenas nos detalhes, como um vestido monocromático e um cinto e sapatos brancos ou pretos. Também pode estar num look monocromático e apenas nos sapatos bicolores, chiquérrimos. O importante é perceber que há apenas duas cores combinadas e uma delas deve ser preto ou branco. E as duas cores escolhidas também estar nos acessórios.

Há diversas possibilidades para se conquistar um visual elegante, mas darei aqui uma dica básica para nunca errar: aposte nos bicolores. Poderoso e tradicional bicolor O bicolor mais comum e tradicional é o puro, formado pela união do preto com o branco. Mas trata-se de uma combinação bicolor toda união de preto e outra cor qualquer, assim como o branco e outra cor. Ainda que as intenções de combinações claras e escuras sejam diferentes e que há também a questão de

O bicolor é chic, elegante, clássico, atemporal e rígido, portanto, caso escolha o bicolor puro e não queira passar uma imagem tão séria, invista em assimetrias, acessórios interessantes ou peças com mais movimento. Gostou? Quando testar esta dica, me conta!

PARA SABER MAIS: THAÍS FRANÇA MASTERCOACH E PALESTRANTE Coaching de Imagem, Estilo e Comunicação Life e Business Coach Contato: (11) 99867.8058 www.estilothais.com.br WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!

FOTO: DANI DALCIN BENEDETTI / Q REVISTA

MARKETING PESSOAL E CORPORATIVO


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

27


CAPA

FERNANDA SOUZA A estrela do Multishow estreia nesse mês a nova temporada do “Vai, Fernandinha” e viaja pelo país com o espetáculo “Meu Passado Não Me Condena”.

P

repare-se. Já estava com saudades da apresentadora Fernanda Souza na telinha? Temos uma boa notícia: ela retorna nesse mês com a terceira temporada do “Vai, Fernandinha” no Multishow e conta com nomes como Cleo Pires, Karol Conka Sasha, dentre outras personalidades na atração. “Os episódios estão lindos, divertidos. Apesar de o programa ter meu nome, ele não e voltado para mim”, destaca a artista que, além de ser sucesso na TV, seu carisma chegou à internet também. A YouTuber contabiliza milhões de seguidores em suas redes sociais. A atriz começou ainda criança na publicidade. Dono de um sorriso espontâneo e talento para as artes, ela conquistou diversos trabalhos na área. Na época, a menina de olhos verdes chamou a atenção por sua beleza e, principalmente, pela desenvoltura frente às câmeras. Em 1992, com apenas oitos anos, foi convidada para apresentar o programa “X-Tudo”, na TV Cultura. No ano seguinte fez uma participação especial em “Retratos de Mulher” da Rede Globo, até ser escalada para viver Patrícia, em sua primeira novela, “Razão de Viver”, no SBT. Mal sabia que na ainda na mesma emissora, seria consagrada como uma das melhores atrizes infanto- juvenil. O “boom” da carreira veio através do folhetim “Chiquititas” (1997/98), onde vivia uma órfã que morava no Orfanato Raio de Luz. “A Mili marcou muito minha imagem, minha carreira. Foi incrível”, relembra. Em 1999, estreava como Joana em “Andando nas Nuvens”, dessa vez, como contratada do “Plin Plin”. Daí em diante seu desempenho como atriz só evoluiu. Sua trajetória na dramaturgia é marcada por diferentes perfis: patinho feio, de gostosa exibida à loira burra. E quem

28

ABRIL/MAIO2018

não se lembra da comilona Carola de “O Profeta”? Isadora da série “Toma Lá Dá Cá” fazia o público cair na gargalhada com suas limitações de raciocínio. Em 2016 integrou o elenco do remake de “A Escolinha do Professor Raimundo”, vivendo a engraçada Tati. Confira os principais trechos da entrevista que realizamos com a estrela. Q Revista: O que você pode adiantar da nova temporada do “Vai, Fernandinha”? Fernanda Souza: Está incrível. O processo é longo. São 45 dias gravando, dois meses de edição e preparação. Fico envolvida uns seis meses no total, participo da criação do roteiro também. Os episódios estão lindos, divertidos. Apesar de o programa ter meu nome, ele não e voltado para mim, fico feliz de no “Vai, Fernandinha” poder mostrar o melhor lado de cada convidado. Karol Conka foi uma das entrevistas que mais curti, que oratória, que poder, que voz para falar do universo feminino. Qual o sentimento em ver que o programa é um enorme sucesso? Jamais poderia imaginar! Nem em meus melhores sonhos. Bati na porta do Multishow querendo um programa de televisão. Um ano depois já estava gravando a terceira temporada, um tremendo sucesso. Recentemente fizemos uma reunião para falarmos e programarmos as novas temporadas. Não sente vontade em atuar novamente? Não dá para fazer as duas coisas ao mesmo tempo, estou muito focada em revista A informação que fica!

FOTO: DANILO BORGES

Por Michele Marreira


CAPA mor do Bruno é tão inteligente e os personagens tão reais. É fascinante dar vida às suas criações. Após 18 anos morando no Rio de Janeiro, você voltou a residir em São Paulo. Como está sendo reviver essa experiência?

apresentar. Como falei, o programa toma seis meses do meu ano, preciso estar com a mente totalmente focada e criativa, para participar de todos os processos. Sou o tipo de pessoa que quando foco, preciso fazer direito ou nem faço, só consigo viajar com a peça “Meu Passado Não Me Condena”. Recentemente você participou da nova “Escolinha do Professor Raimundo”, integrou o humorístico “Toma Lá Dá Cá” e fez uma personagem chamada Mirna na trama “O Profeta”, todas muito engraçadas. Comédia é um gênero que te atrai, certo? A Tati, Isadora e a Mirna são engraçadas, mas com estilos diferentes. Amo fazer comédia. Adoro rir das cenas que tenho de fazer e saber que isso de alguma maneira fará as pessoas felizes. Ainda falando em humor, como define a experiência em ter trabalhado com Bruno Mazzeo na “Escolinha do Professor Raimundo” e no filme “Muita Calma Nessa Hora”? Sou fã de carteirinha do trabalho dele como espectadora e atriz. Além desses trabalhos que você citou, fiz uma peça com ele e foi maravilhoso. O hu-

30

ABRIL/MAIO2018

Como é sua relação com o universo da moda? Sou geminiana, então cada dia tenho um estilo. Opto sempre por peças mais clássicas. Não gosto de um visual muito carregado e acho interessante investir nos acessórios como um bom sapato e uma “senhora” bolsa.

Defina em uma frase a importância da personagem Mili em sua carreira. A Mili marcou muito minha imagem, minha carreira. Foi incrível. Você é uma das convidadas ilustres da Bayer Brasil, que está discutindo hoje o tema “Sou eu no controle”. O que mais te incomodava na época de adolescência? Algum fato inusitado? Eu sempre tive muitas cólicas, ao ponto de não conseguir gravar, nem fazer outros trabalhos, eu saía da sala de aula e me contorcia no banheiro. Foi um período bem difícil. Na época, minha mãe me levou ao ginecologista, ele me sugeriu usar um método anticoncepcional, para diminuir os efeitos da menstruação. Isso me ajudou bastante. Nessa fase eu nem tinha relação sexual, era uma forma de não parar no hospital e tomar injeção. Menstruação é algo que não me remete bons momentos. Aos 13 anos eu morria de vergonha, quando nós meninas chegávamos ao colégio com a blusa amarrada na cintura, os meninos comentavam... Eu ficava mais constrangida ainda com essa insegurança. Ficava limitada em vários sentidos. É muito bom ter o controle de não menstruar e po-

FOTO: JULIANA COUTINHO

FOTO: JULIANA COUTINHO

Está sendo uma delícia, o bom filho a casa torna, estava com muita saudade de morar aqui. Eu cresci no Rio de Janeiro, me tornei mulher, amadureci. Cheguei com 15 e saí aos 33 anos, casada. Voltar para São Paulo está sendo gostoso, principalmente por ficar perto da família. Amo minha cidade, a nova temporada do programa foi gravada aqui.

der trabalhar. Nesse período ficamos impacientes. Eu acho essa ferramenta do aplicativo Yaz Flex sensacional; escolher quando menstruar é incrível. Ele nos lembra quando tomar o anticoncepcional e caso a gente esqueça, nos diz o que fazer, isso vai poupar o organismo de muitas mulheres. Informação realmente é tudo na vida.  

Ping Pong: Uma comida: Salmão com shitake e shimeji Uma bebida: Suco de limão Uma atriz: Marisa Orth Um ator: Tony Ramos Como costuma se maquiar: Uso um corretivo, rímel e blush.

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


BELEZA FOTO: CRISTINA RAPOSO

Castanhos iluminados, loiros

naturais e platinados... e depois?

1- Procure um bom profissional Não confie o destino dos seus cabelos a qualquer um. Portanto, nem precisava dizer que deve escolher um salão e um profissional competente e responsável pra cuidar de suas madeixas. 2 – Use produtos de qualidade

e, com certeza, te dará excelentes opções para escolher. 3 – Utilize shampoo e condicionador adequados para cabelos coloridos ou com mechas Seus cabelos agora merecerão uma atenção maior aos tratamentos em casa. Use sempre produtos para cabelos coloridos e com mechas. Eles possuem agentes antioxidantes, maior emoliência e substâncias antirressecamento que serão imprescindíveis nesse momento. 4 – Corte aquelas pontinhas Todos os cabelos precisam de cortes periódicos, mas quando se trata de cabelos com mechas e luzes, cortar os fios se torna quase uma obrigação. Deixe o corte para fazer no salão com um profissional, pois ele aproveitará a oportunidade pra devolver vida e movimentos às madeixas sem tirar “comprimento”. 5 – Hidrate, hidrate e use protetor térmico Pra manter seus cabelos saudáveis, não descuide das hidratações, seja no salão ou em casa. O que importa é hidratar pelo menos uma vez na semana. A hidratação vai devolver nutrientes e água perdidos no processo de descoloração. Tenha em mente que esse ritual é necessário, caso contrário, observará as pontas duplas, fios opacos e com quebra ou queda.

ABRIL/MAIO2018

@anagava

Ana Candida Gava

Lembre-se também que sempre que for usar qualquer ferramenta térmica, tenha em mãos os protetores térmicos que deixarão seus cabelos com as cutículas fechadas e uniformes e protegidos dos radicais livres. Você percebeu que com esses cuidados simples e periódicos é possível manter os cabelos coloridos e com luzes sempre belo e com visual de estrela de cinema. Só depende de você!

PARA SABER MAIS: WANDDA’S FASHION HAIR Aproveite nossas promoções seguindo Salão Wanddas nas redes sociais. Teremos campanhas de tratamentos póscolorações e mechas saindo do forno. Siga através do Instagram: @salao.wanddas @wanddas.baroneza Salão Wanddas Av. Pref. José Maurício de Camargo, 320 - Itatiba Mall Loja D12 - JD. N.S. das Graças www.wanddas.com.br wanddas@vmaxnet.com.br (11) 98531-4549 Tel.: (11) 4894-8014

O cabelo é um dos grandes responsáveis pela sua autoestima, então aposte em produtos de qualidade, com custo benefício, antiquebra e que deixe seus fios saudáveis e bonitos. Pergunte ao seu cabeleireiro quais produtos ele indica para você. Ele possui mais conhecimento e prática no assunto

32

ANA CANDIDA GAVA EMPRESÁRIA

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

FOTO: DANI DALCIN BENEDETTI / Q REVISTA

S

abemos dessa sensação de poder quando deixamos o salão com o cabelo dos sonhos, como se algo mudasse dentro da gente instantaneamente com a cor, luzes e sentir os cabelos bem tratado, não é mesmo? Mas, toda essa beleza e encantamento precisam de cuidados específicos para se prolongar por mais tempo. O processo químico das luzes podem gerar alguns danos aos fios como quebra, ressecamento, porosidade e desbotamento da cor com o passar do tempo. Isso é natural. Por mais cuidados que tenhamos, estamos mudando a estrutura dos fios. Pensando nisso, separei algumas dicas pra você deixar seus cabelos sempre lindos, como se tivesse acabado de sair do salão.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Como não amar os iluminados e loiros divinos nas redes sociais e pensar: será que não perderei a saúde dos meus cabelos?


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

33


BELEZA

Eles se cuidam sim! CLÉO PAIVA EMPRESÁRIA

Está na hora de dividir o espelho – e os tratamentos estéticos – com a rapaziada.

O

por Giovane Almeida

mito de que homens não se cuidam caiu faz tempo. Eles ficaram cada vez mais vaidosos e estão tanto atrás da beleza quanto as mulheres. Preocupados com sua aparência física, os centros de estética passaram a fazer parte da rotina deles assim como as academias e barbearias que oferecem atividades e tratamentos para contribuir em seus cuidados com o corpo, respectivamente. Profissionais da saúde e grandes marcas de cosméticos estão atentos com esse novo público, que não se envergonha em buscar procedimentos estéticos, e se preparam para oferecer serviços e linhas específicas de produtos que atendam às necessidades da rapaziada. Cléo Paiva, esteticista há mais de 12 anos, revela que os homens têm procurado com frequência tratamentos para cuidados da pele e procuram manter sua higiene em dia. “Além do tratamento facial, que é mais comum, eles procuram também por hidratação e rejuvenescimento”, conta. A esteticista revela que são grandes os benefícios para o rosto e é preciso essa frequência para que os resultados sejam excelentes. “Limpezas de pele e tratamentos que retardam o envelhecimento deixam a expressão mais leve,

34

ABRIL/MAIO2018

bonita, saudável e bem cuidada”. Segundo a profissional, um dos principais problemas da pele masculina é a oleosidade que vem acompanhada de cravos, pelos encravados e espinhas. O procedimento que, além de trabalhar a remoção dessas inflamações, elimina também as células mortas, deixando o rosto liso, macio e sem oleosidade. Para quem nunca realizou o procedimento, Cleo explica que uma sessão de limpeza de pele dura, em média, de quarenta minutos à uma hora e o resultado já pode ser visto a partir da primeira sessão. “Há quem repete o procedimento todo mês, mas o intervalo de uma sessão a outra depende do tipo de pele e o tratamento recomendado”, comenta a esteticista. Para o estudante Gabriel Carvalho, que realiza limpeza de pele a cada seis meses, a decisão pela busca de tratamentos estéticos se deu pela preocupação com espinhas. “Meu rosto sempre foi oleoso e tinha várias espinhas. A limpeza de pele trouxe ótimos resultados e hoje meu rosto se mantém quase sem oleosidade alguma, além de ter reduzido muito as inflamações”, explica. O jovem completa que o procedimento após esse tratamento é tão

importante quanto o passo de decidir fazê-lo como, por exemplo, atentar-se ao uso de protetor solar e sabonete adstringente. Questionado sobre os benefícios da limpeza de pele, Gabriel diz que um deles, se não o principal, é o aumento da autoestima. “O cuidado com a pele é essencial e é sempre importante manter cuidado com o corpo. É uma questão de saúde”. E não é só de limpeza de pele que eles vivem. A procura por massagem relaxante, drenagem linfática e depilação também tem crescido nos centros estéticos, deixando claro que o preconceito masculino pela busca da beleza já é coisa do passado. Saúde e beleza não se limitam mais às mulheres. Ser saudável e manter boa aparência passou a ser o objetivo de muitos, sem distinção de gênero. O importante é se observar no espelho e se apaixonar pelo reflexo.

ONDE ENCONTRAR: ESPAÇO CLÉO PAIVA Av José Benedito franco penteado, 25 Sala 3 - Central Park - Itatiba/SP Tel: (11) 4524.9223 (11) 9.7501.8222

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

35


Terapia de Casal na abordagem do EMDR A

Q Revista entrevistou a psicóloga Vera de Paula, que utiliza um método que tem aliviado a vida de muitos casais. A técnica chamada Eye Movement Desensitization and Reprocessing ou Dessensibilização e Reprocessamento por Meio dos Movimentos Oculares, conhecida popularmente como EMDR, “reprocessa” medos, terrores, fobias e ansiedades, ligados às lembranças difíceis que mantêm as pessoas presas ao passado. QR – Como saber se o casal deve buscar ajuda terapêutica? Vera - Se o casal já fez a tentativa de resolver suas dificuldades conjugais por meio de compreensão e superação sem ter obtido os resultados desejados, chegou o momento de buscar ajuda. QR - Em sua opinião, dentre as várias abordagens psicológicas, quais as mais efetivas na cura de uma relação desestabilizada?

36

Vera - O EMDR é a possibilidade de cura emocional para qualquer situação em que possamos estar envolvido. A terapia de casal, na perspectiva da moderna técnica psicoterapêutica EMDR, é uma terapia que não busca apenas a tentativa para lidar melhor com conflitos que surgem no casamento, que podem estar relacionados à insatisfação, infelicidade, desentendimento, ausência de comunicação, pensamentos de separação, fracasso nas tentativas de reaproximação, segredo familiar, incompatibilidade, entre outros. De acordo com essa técnica, o profissional busca antes entender a dinâmica de cada um dos membros, a capacidade de cada um de estabelecer vínculos saudáveis relacionados às vivências de busca de vinculação e cuidados desde a infância. QR - E, por que um relacionamento, antes satisfatório para ambos, começa a apresentar conflitos?

Vera - Em todas as abordagens, o psicólogo tem os conhecimentos necessários para acolher e ajudar o casal no enfrentamento e na solução dos problemas. Hoje a terapia com EMDR é altamente indicada, por se tratar de uma técnica destinada a olhar o casal como um todo, mas sem esquecer que os traumas individuais é que podem estar dificultando a convivência.

Vera - Muitas vezes o indivíduo tende a desenvolver atitudes que denotam sensível afastamento emocional. Esse indivíduo, comumente enfrenta sérias dificuldades para levar um casamento ao longo do tempo de forma gratificante para si próprio e para o outro, uma vez que não se conecta plenamente. Daí a importância de se incluir na terapia processos que consideram a integração do cérebro e facilitam o desenvolvimento de narrativas coerentes na vida de alguém.

QR - Qual a importância de se introduzir o EMDR na terapia de casal?

QR - Então, na perspectiva do EMDR, os traumas individuais ainda

ABRIL/MAIO2018

FOTO ARQUIVO PESSOAL

SAÚDE

Vera de Paula Psicologa CRP 06/120103

não superados podem interferir nos relacionamentos? Vera - Sim. Muitas vezes pensamos que podemos deixar nossos traumas no passado por decisão consciente, como se isso fosse sempre uma escolha possível. Mas os traumas e suas consequências permanecem entranhados, alterando o funcionamento biológico e psicológico dos indivíduos e assim interferem constantemente com as dinâmicas conjugais, familiares, profissionais e sociais. QR – Essa técnica tem validade científica? Vera - Em 2001, o Departamento de Saúde Americano reconheceu essa forma de terapia como uma abordagem terapêutica baseada em evidências, cientificamente validadas, para o tratamento de traumas. Em 2013, o EMDR foi integrado ao guia da Organização Mundial de Saúde (OMS) como primeiro no tratamento de TEPT (Transtorno de Estresse Pós Traumático) em adultos, crianças e adolescentes. Nunca é tarde para o desenvolvimento de uma história de vida coerente.

PARA SABER MAIS: VERA DE PAULA | PSICOLOGA CRP 06/120103 Rua Benjamin Constant, nº 669 Tel.: (11) 4538-5999 (11) 99902-9996 Vivo

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


SAÚDE

FOTO: CAUÊ ROSSI / Q REVISTA

SAÚDE É O QUE

INTERESSA?

C

aros amigos leitores como já esclareci em outras edições, não pretendo desenvolver uma discussão teórica sobre temas da psicologia, somente me atrevo a compartilhar com vocês algumas reflexões. Pois bem, essa semana fui tomada por uma onda de pensamentos relacionados à minha idade, a minha saúde, ao meu corpo, ao meu estilo de vida. Parece-me que sempre que passamos por uma situação de falecimento de alguém querido e próximo de nossa vida, nos pegamos a avaliar o que realmente tem valor em nossas vidas, e daí o tema saúde toma uma volumosa importância! Bem, não sei se é assim com vocês? Mas comigo foi. Então, quero convida-los a pensar um pouquinho mais sobre o que é ser saudável. Dizem por aí que psicóloga adora ficar fazendo perguntas, e hoje eu não vou fugir a essa regra! Espero com minhas perguntas provocar em você um turbilhão de dúvidas, pois somente assim aprendemos mais. A dúvida é o princípio do aprendizado, não é mesmo? Pois bem, O que você anda pensando sobre sua saúde? Quais são seus planos para ter mais saúde ou manter-se saudável? Você está satisfeito com seu estilo de vida? Você acredita que está comendo bem?

38

ABRIL/MAIO2018

E bebendo pouco ou muito? É capaz de fazer alguma atividade física? Ah já sei! Anda querendo eliminar ou obter alguns quilinhos? Mudou a cor dos cabelos? Está pensando em se tornar vegetariano? E seus pensamentos como andam? Está animado com as possibilidades que a vida tem lhe apresentado? E esse coração bobinho está amando ou fechado pra balanço? Sua autoestima vai bem? Ufa! Vou dar-te um minutinho pra pensar! São muitas perguntas não é mesmo? Mas tenha certeza que não são nem uma pequena parte das perguntas poderosas que deveríamos nos fazer sempre. Mas, fazer perguntas não é realmente uma atitude que assuste ou limite o ser humano, ah não é mesmo! Vivemos fazendo perguntas, vivemos querendo saber, tudo sobre todos! Não é mesmo? O mais interessante é que vivemos bombardeando os outros com essas perguntas, mas raramente paramos para fazer esse auto questionamento. Não se sabe bem como, nem exatamente o porquê (será mesmo que não sabemos?) a nossa tendência é olhar mais a vida do outro do que a nossa. Vamos para as redes sociais com a única e exclusiva intenção de perguntar, o que as outras pessoas estão fazendo? O que elas estão usando? O que estão comendo? Como es-

Isabel Bonna Branco Psicóloga - CRP: 06/58509-1

tão seus corpos? (sempre lindos é claro!). Como estão criando seus filhos? Como será a nova dança do verão? São infinitas as possibilidades de questionamento. Tudo, nós queremos copiar, queremos fazer tudo igual. Ah que pena!! Estamos todos ficando iguais! Será mesmo possível sermos iguais? Para essa pergunta, tenho certeza que você já sabe a resposta! É claro que não e diante dessa negativa, o que fazemos? Ou buscamos nosso autoconhecimento, nossa auto aceitação, nossa conexão com nosso projeto de vida ou entramos pelos caminhos das frustrações onde tudo o que é do outro nos parece melhor e mais belo. Lembre se, o autoconhecimento é a condição irrenunciável para uma existência feliz e realizadora. Cuidar da saúde física e mental é realmente a única coisa que deveria ter valor em nossas vidas! Um abraço, até a próxima. PARA SABER MAIS: Isabel C. Bona Branco Psicóloga Clínica e Coach de Alta Performance- CRP 06/58509-1 Rua Pedro Elias de Godoy, 66 Jd. Cel. Peroba - Itatiba/SP Contato (11) 9 6184-4653 WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

39


FOTOS: ARQUIVO PESSOAL

SAÚDE

Rafael Lopes participa da maior feira ótica do mundo em Milão, a MIDO Show Eyewear fundador da ótica rafael lopes esteve presente na itália em busca de novas tendências

O

ótico Rafael Lopes, CEO e fundador da Ótica Rafael Lopes, prestigiou a maior feira mundial do segmento ótico, que aconteceu de 24 a 26 de fevereiro, em Milão na Itália. A 48ª edição da MIDO Eyewear Show 2018 contou com 1 mil e 305 expositores e um público estimado em 58 mil pessoas, que puderam conferir as principais tendências em óculos (incluindo esportivos), lentes e acessórios em até 26 pavilhões que dispõem de 345.000m² de espaço coberto e 60.000m² ao ar livre. Além de conhecer as novidades e tendências do mundo ótico, Rafael visitou lojas e estandes das maiores empresas internacionais do segmento. Com isso, trouxe para o Brasil muita inspiração, conhecimento e novas tecnologias para as próximas coleções.

40

ABRIL/MAIO2018

“Teremos em breve uma nova coleção para a nossa marca, com base nas novidades do MIDO Eyewear. Posso adiantar que os óculos serão lançados com o que há de mais moderno no mundo e, é claro, seguindo as tendências de Milão, como por exemplo óculos com lentes base zero, double bridge, óculos de madeira, bambu e até pedra”, conta com entusiasmo Rafael Lopes. Anteriormente, Rafael já esteve presente em outras feiras internacionais do segmento, como a Silmo em Paris. “A nossa intenção é participar de mais eventos como este, onde fazemos contato e agregamos conhecimento. Buscamos sempre inovar e explorar novos conceitos, novos estilos e, é claro, novas experiências”, disse, prometendo cobrir outras exposições internacionais relacionadas ao mercado.

Rafael Lopes, CEO e fundador da Ótica Rafael Lopes, na Feira MIDO Eyewear 2018 em Milão, Itália

Por aqui, já estamos ansiosos para a nova coleção da marca Rafael Lopes, que mais uma vez mostra a sua constante evolução, principalmente no que diz respeito ao mundo da moda e atualidades.

ONDE ENCONTRAR A Ótica Rafael Lopes está localizada no Bella Vista Boulevard e também disponibiliza venda de seus óculos pela internet. Endereço: Rua Rui Barbosa, 276, Piso Térreo, Centro de Itatiba/SP. Contato: (11) 94261-5182 ou (11) 4524-5547. Site: www.oticarafaellopes.com.br.

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

41


SAÚDE

ANDO CANSADO DEMAIS!

Com a correria imposta pela sociedade atual, que cobra sucesso, perfeição, resultados ou produtividade, beleza, padrão social, luxo e conforto, atenção e dedicação à família, o indivíduo tende a atribuir essa sensação de cansaço extremo a esses detalhes obviamente relevantes, porém se esquece de que podem existir doenças causadoras dessa indisposição crônica. É nessa hora, como consultores de saúde e bem estar, que recomendamos uma avaliação de seu sistema hormonal, pois o declínio é fisiológico, principalmente entre os 50 e 60 anos. Conheça algumas causas: - A anemia, por exemplo, é um dos fatores a serem investigados, pois devido aos desequilíbrios alimentares, pode trazer a queda de energia e disposição física devido à falta de ferro, nutriente essencial ao organismo. O déficit de vitamina D também tem sido

42

ABRIL/MAIO2018

FOTOS: ARQUIVO PESSOAL

Vivo aquela história do mundo terminar em barranco pra que eu possa morrer encostado

apontado como uma das causas importantes do cansaço excessivo e sensação de desânimo - a luz solar e a reposição de vitamina D (alimentação) são primordiais. - O estresse e ansiedade, males frequentes da vida moderna, são motivadores do acordar com indisposição, dificuldade de concentração e falta de sono. A apneia do sono, que é um caso corriqueiro, é caracterizada pela falta de ar nos pulmões durante o sono, que pode ocorrer por breves períodos, prejudicando o descanso. - A diabetes pode causar cansaço frequente, porque nela o açúcar do sangue não chega a todas as células, causando a falta de energia no corpo. A depressão também é responsável pelo desânimo e falta de vontade para realizar atividades do dia a dia. - Na fibromialgia há um cansaço que pode persistir por anos, além do aumento de sensibilidade e dores. Doenças cardíacas como arritmia causam, além do cansaço, tonturas e outros sintomas que acarretam a indisposição. Doenças da tireoide também se encaixam nesse perfil, visto que os hormônios dessa glândula são grandes responsáveis por mudar o metabolismo e, quando alterados, o cansaço se instala.

FOTO: ARQUIVO PESSOAL

O

cansaço excessivo pode indicar, além de falta de tempo para descansar, algumas doenças que merecem investigação. Ele pode chegar de mansinho, se instalando vagarosamente como uma sensação de fadiga, moleza e falta de energia para executar até mesmo as pequenas tarefas da vida cotidiana. Isso é normal?

FOTO: BANCO DE IMAGENS / FOTO MERAMENTE ILUSTARTIVA

Doutor, não tenho ânimo para nada. Ando cansado o tempo todo!

Dr. santiago

ESPECIALISTA EM em geriatria e psicossomática CRM 83759 Definir causas de fadiga e de cansaço é de extrema importância, e isso deve ser feito por meio de uma avalição médica criteriosa. Ao identificar o cansaço frequente é aconselhável observar. “ Cansado de estar Cansado” ????? Então Vamos investigar!!!! PARA SABER MAIS:

Dr. Carlos Alberto Santiago Rua Carmo Palladino, 38 Centro - Itatiba/SP Contato: (11) 4487-1627 / 9 9501-0990

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

43


FOTOS: CAUÊ ROSSI / Q REVISTA

SAÚDE

dra. raquel rossi simões reabilitação oral e estética crosp-86327

RESTAURAÇÕES DENTÁRIAS

GANHAM EM EFICIÊNCIA

E ESTÉTICA NA ERA DA

pouco utilizado atualmente, por questões estéticas.

O avanço da odontologia está ligado também, entre outras coisas, à qualidade dessas restaurações estéticas. As restaurações metálicas necessitam de um imbricamento mecânico (uma espécie de trava firme e segura) para permanecerem fixas na estrutura dental. Com isso, se faz necessário um maior desgaste do dente para que elas não se soltem.

ODONTOLOGIA DIGITAL

A

s restaurações dentárias são um dos procedimentos mais comuns nos consultórios odontológicos. Elas são necessárias para devolver a forma e a função a um dente, quando este é atingido por uma cárie ou uma fissura/fratura. Ao se deparar com essas situações, o dentista remove a parte deteriorada do dente, faz a limpeza de toda a área atingida e então preenche a cavidade com um material restaurador. Existem alguns materiais utilizados para esta finalidade. Basicamente, eles diferem em durabilidade, custo e visual. São eles:

- Porcelana: material mais resistente, que apresenta estabilidade de cor e cumpre melhor a finalidade estética;

Como consequência dessa evolução, materiais como as resinas e as cerâmicas se tornaram os materiais de eleição, deixando para trás os metais. Hoje em dia, tanto as restaurações diretas (de resina, feitas diretamente na boca do paciente, sem etapas laboratoriais ou de cad cam) quanto as facetas (lentes de contato dental, inlays e onlays) apresentam espessuras bem pequenas, com excelente adesividade e adaptação às áreas a serem restabelecidas.

- Ouro: metal durável, resistente, com ótima adaptação marginal, porém

A Odontologia Digital também trouxe, além de outros benefícios, previsibi-

- Amálgama: material resistente, de baixo custo, mas sua cor aparente interfere na estética dental; - Resina: material de manuseio mais simples e que apresenta maior desgaste e alteração de cor;

44

Atualmente, a Odontologia se tornou muito mais conservadora em relação ao desgaste das estruturas dentais. Com isso, as restaurações passaram a se fixar aos dentes através do método adesivo – que consiste no uso de materiais colantes de alta qualidade, sem a necessidade de desgaste excessivo. Essa prática garante uma maior preservação das estruturas subjacentes.

ABRIL/MAIO2018

lidade em relação ao desgaste das estruturas dentais, de maneira exata, para que não ocorra dano desnecessário. Essa mesma tecnologia também permite uma maior adaptação e vedamento dessas restaurações aos dentes danificados por cárie ou outras causas, como bruxismo, erosões, entre outros. As chamadas lentes de contato dental até podem ser instaladas aos dentes, em alguns casos, sem nenhum desgaste. É a tecnologia mais uma vez atuando em conjunto com os profissionais em prol de uma Odontologia cada vez mais precisa e segura aos pacientes.

ONDE ENCONTRAR: RAQUEL ROSSI ODONTOLOGIA DIGITAL Ed. Inside Corporate R. Crescêncio da Silveira Pupo, 75 Sala 66 - 6º andar Cep: 13.256-330 Vila Cassaro | Itatiba-SP e-mail: odonto@raquelrossi.com.br Tels.: (11) 4538-0007 (11) 97682-0313 www.raquelrossi.com.br rrodontodigital WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

45


K EPI SURIA / FRE

FOTO CAUÊ ROSSI / Q REVISTA

IGN FOTO DES

ED BY NEN

SAÚDE

janice lobato

Especialista em Fonoaudiologia Hospitar | CRFa 13630

O sono

O

aumento da jornada de trabalho e o acúmulo de atividades diárias nos fazem diminuir cada vez mais as nossas horas de sono, e isso causa prejuízos à nossa saúde física e mental. Sempre ouvimos falar que é necessário dormir oito horas por noite, entretanto, existem variações individuais na quantidade de sono necessária. Alguns se sentem bem dormindo apenas seis horas por noite, já outros necessitam de dez horas. Existem também as variações para os horários de dormir e de acordar. Chama-se Cronotipo a preferência de cada indivíduo a realizar atividades, seja ela física ou mental, em determinado horário do dia. São eles: - Os “matutinos”, aqueles que preferem dormir e acordar cedo e tem melhor desempenho nas atividades realizadas durante o dia; - Os “vespertinos” se adaptam me-

46

ABRIL/MAIO2018

Você sabia que dormir pouco é a característica mais comum na sociedade atual?

lhor ao dormir e acordar mais tarde e apresentam melhor desempenho nas tarefas realizadas a tarde ou a noite; - Os “Intermediários” são aqueles que não possuem preferências por horários extremos. A insônia, por exemplo, que é aquela dificuldade que alguns têm em pegar no sono ou acordam várias vezes durante a noite e existe também a Apneia obstrutiva do sono, que é uma alteração da respiração, identificado quando a pessoa para de respirar durante alguns segundos. Essa interrupção da respiração pode ocorrer várias vezes durante a noite, sem que a pessoa perceba, prejudicando a qualidade do sono. A estatística mostra que um em cada três indivíduos tem Apneia Obstrutiva do Sono. Sua causa mais comum é o relaxamento excessivo dos músculos da garganta. Se esse for o

caso, a Terapia Miofuncional é indicada. Nessa terapia, exercita-se a musculatura da língua e do palato mole, evitando que a flacidez dessas estruturas feche as vias aéreas durante o sono. Lembre-se: dormir bem influencia diretamente na memória, atenção, sexualidade, peso, aparência e humor. O mais importante é que você conheça seu organismo, identificando suas necessidades e seus limites e que não haja privação do sono. Respeite seu sono.

PARA SABER MAIS: JANICE LOBATO - CRFa 13630 Especialista em Fonoaudiologia Hospitar Tel.: (11) 4594-5196 Cel.: (19) 99815-4011 janice.lobato@terra.com.br

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

47


SAÚDE

O FINAL DOS ANOS 90 O

cotidiano da Santa Casa de Itatiba é, como muitos dizem popularmente, ‘matar um leão por dia’. Gerenciar uma entidade, onde responsabilidade, ética e qualidade devem formar o tripé de sua sustentação, não é tarefa fácil. Lidar com vidas humanas, sejam as que estão em busca de atendimento para aplacar seu sofrimento ou as que acolhem e cuidam dos pacientes, sem muitas vezes ter condições plenas para isso, é um desafio que vai além de equações matemáticas e fórmulas administrativas. A visão empresarial aliada a uma postura de solidariedade e compaixão – características de uma gerência humanizada – tem sido a tônica dos últimos 22 anos da Santa Casa, fato que os relatos contidos nessas histórias podem confirmar. Mas tudo isso não se concretizou de uma hora para a outra. Vários obstáculos, muitos aprendizados e uma série de fatos pouco confortáveis trouxeram à equipe, que hoje se mantém a frente desse barco, mais maturidade e consciência de como lidar com situações críticas, sejam aquelas pautadas na realidade concreta (falta de verbas para garantir a sustentabilidade do atendimento) ou as que se baseiam em interesses políticos e vaidades pessoais. Antes de prosseguir, é preciso conhecer melhor o cenário que antecedeu essa história que, em 22 anos, atingiu objetivos e alcançou metas jamais conquistadas em um século.

48

ABRIL/MAIO2018

por Mariângela de Almeida

Em 1995, para ajudar a sanar dívidas, a então Mesa Administrativa cria o plano Santa Casa Saúde, que conseguiu arrecadar recursos importantes aos cofres do hospital e, por preços mais acessíveis, viabilizou que pessoas e empresas se associassem e recebessem tratamento adequado. Logo em 1996, o provedor renuncia e assume a direção o senhor Benedito Netto. A situação era delicada: greve de médicos e funcionários e uma dívida de R$ 900 mil. Mas, senhor Dito, como é conhecido, consegue sanar a dívida. No entanto, com a intervenção branca realizada pelo prefeito da época, o provedor renuncia ao cargo, em outubro de 1997, deixando a Santa Casa estável e equilibrada. De qualquer forma, mesmo com as contas em dia, a situação do hospital ainda era insuficiente, uma vez que recebia 80% da demanda da cidade, sem equipamentos, leitos e outros itens de infraestrutura para atender essa quantidade com a qualidade esperada. Na época, a entidade contava com 216 funcionários, 122 leitos e uma despesa anual de R$ 5 milhões, sendo cerca de 75% das internações feitas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A receita, advinda do SUS, ficava entre R$ 85 mil e R$ 95 mil ao mês. Os gastos giravam em torno de R$ 420 mil nesse mesmo período. A prefeitura cobria 50% do valor (até R$ 250 mil) e os demais gastos eram pagos com recursos oriundos do plano Santa Casa Saúde. Nessa mesma fase, o plano

passou por problemas. Como tinha de se readaptar às novas normas federais, equiparando-se aos demais planos para atender todas as pessoas interessadas, acabou não se sustentando e foi entregue ao grupo Unimed de Jundiaí, a custo zero, pondo fim ao projeto. Em 1999, um grupo de consultores, nomeado pelo então prefeito e liderado pelo Secretário de Saúde da época, Dr. Éder Rogério Canal Pereira, analisou a situação financeira do hospital. Não existia déficit, mas era evidente a necessidade de mais investimento, já que o repasse do SUS se mantinha insuficiente, além de estar sempre atrasado. Mesmo com esse cenário, a Câmara Municipal aprovou um projeto que diminui em R$ 30 mil a subvenção mensal paga pela prefeitura à Santa Casa. É o início de uma fase difícil, que só começa a tomar novos rumos nos anos seguintes. Enquanto uma nova crise financeira se instalava, o centenário do hospital foi marcado por festa, exposição, selo comemorativo e uma missa solene com a presença de Sua Alteza Imperial e Real Dom Luiz Gastão Maria José Pio de Orleans e Bragança, Príncipe Chefe da Casa Imperial do Brasil. Na ocasião, uma nova Mesa Administrativa tomou posse para gerenciar o hospital até 2001. Na próxima edição, passaremos ao capítulo 2 “Um século em uma década”.

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

49


TURISMO

UM POUCO SOBRE ORLANDO QUE NINGUÉM TEVE PACIÊNCIA PARA A magia existe. E TE EXPLICAR ela fica na Flórida.

D

estino de muitos, vontade de todos. A Disney ainda continua sendo o destino mais procurado pelos brasileiros quando pretendem viajar para o exterior. A magia que envolve os parques temáticos de Orlando atrai milhões de pessoas todos os anos – cerca de 60,7 milhões de turistas só no primeiro semestre de 2017, de acordo com o site oficial do estado, o Visit Florida. As agências de viagem ficam de prontidão para atender às necessidades e desejos de seus clientes que chegam com inúmeras dúvidas, mas, o que muitos turistas de primeira viagem não sabem é que conhecer um pouco sobre o lugar que pretende visitar, como roteiros, dicas e curiosidades, é um grande passo para curtir sua viagem do jeito mais inesquecível possível. Por isso, reunimos algumas informações básicas que você precisa saber antes de embarcar para abraçar o Mickey Mouse. O principal parque temático de Orlando é o Magic Kingdom. Nele você encontra o castelo da Cinderela, o desfile dos personagens e o show de fogos mais mágico do mundo. É impossível não querer visitá-lo mais de uma vez. O Disney’s Hollywood Studios é um parque mais radical com montanhas-russas e atrações para todos os gostos que traz a história do cinema e da música. Já o Epcot leva o turista a uma viagem pela cultura de dezenas de países – é possível sim se sentir na Alemanha, Canadá ou Japão. O Disney’s Animal Kingdom reúne atrações temáticas do mundo animal e permite o turista fazer um safari, conhecer novas espécies e se divertir tanto quanto em outros parques. A dica é: conheça

50

ABRIL/MAIO2018

um parque por dia para aproveitar ao máximo sua experiência. Mas e o parque do Harry Potter? O Universal Studios traz atrações dos filmes mais populares de Hollywood e é lá que podemos encontrar o castelo de Hogwarts e todo o universo do bruxo mais conhecido do mundo. O visitante realmente se sente parte do filme e as atrações incluem uma montanha-russa 4D com tanta interação que não dá vontade de sair nunca mais. Dentro do Hollywood Studios você também tem acesso ao Island of Adventures, outro parque repleto de atrações radicais com montanhas-russas de tirar o fôlego. Um dia é suficiente para conhecer os dois. Dependendo da sua programação, ainda há outros parques muito interessantes de se conhecer, dentro e fora de Orlando. Famoso pelos shows com animais marinhos, o Sea World é uma das grandes procuras de turistas que conta com atrações bem divertidas e é um programão para toda a família. Já a caminho da cidade de Tampa, que fica a uns 50 minutos de Orlando, o Legoland é uma ótima opção para levar os pequenos para se divertirem no mundo do Lego. Agora, se o seu grupo de viagem é formado pelos loucos por adrenalina, o Busch Gardens é indispensável no seu roteiro. Localizado em Tampa, ele é especializado em montanhas-russas pra lá de rápidas e radicas. Emoção não falta e tem que ter estômago! Não se esqueça que, além dos parques, em Orlando você encontra uma variedade de passeios e locais a se conhecer como, por exemplo, os cen-

FOTO: BANCO DE IMAGENS

por Giovane Almeida

tros de compras Disney Spring e City Walk – não dá pra viajar sem trazer uma lembrancinha. Lá você encontra restaurantes, atrações e inúmeras lojas para encher a mala de presente. Para enriquecer ainda mais seu conhecimento sobre a terra mágica, batemos um papo com algumas pessoas que visitaram a Disney recentemente e reunimos dicas interessantes que valem a pena lembrar na hora de se programar. Vamos lá: “Alugue um carro. Não é difícil dirigir por Orlando e facilita bastante para se programar com os horários do parque e atrações.” “Troque seu dinheiro e compre os ingressos direto na bilheteria dos parques. São bem mais baratos do que comprá-los aqui no Brasil.” “Cadastre-se no aplicativo My Disney Experience e você consegue verificar o tempo das filas, os horários de shows e também agenda o seu Fastpass +, que é uma espécie de fura-fila organizado que permite os visitantes ir a uma atração com a fila bem menor em um horário agendado por você. Vale muito a pena!” “Tem Wi-Fi em todos os parques. Você utiliza de onde quiser.” “Busque chegar o mais cedo possível nos parques para ir às atrações mais lotadas” WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

51


TURISMO

S

abe aquele aroma da comida feita sem pressa, no fogão à lenha, com ingredientes frescos e temperos naturais? Essa experiência tão presente na memória dos nossos pais e avós parece cada vez mais distante de quem vive o dia a dia corrido dos ambientes urbanos. Fato este, é responsável pelo expressivo número de pessoas que buscam o meio rural como opção para lazer, unido à culinária diferenciada. Cidades de características interioranas com seus aspectos rurícolas ainda preservados e localizadas à um raio médio de 150km dos grandes centros urbanos são diretamente beneficiadas com o segmento do turismo gastronômico. É o caso de Itatiba, que há algum tempo, oferece excelência nas atividades turísticas ligadas ao meio rural e possui meios de alimentação com grande poder de atratividade.

Por fim, com tema rústico e cheio de charme, a área de alimentação do Rancho Mombuca é decorada com objetos de fazendas antigas e reabrirá as portas com porções típicas e caipira todos os finais de semana.

COMO CHEGAR: FAZENDAS DAS OLIVEIRAS: Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, KM 28, Bairro Terras de São Sebastião– Tel: 99652-4609 ou 4487-8167.

Aos domingos, na Fazenda das Oliveiras, o visitante se encanta pela natureza abundante, e o clima acolhedor com autêntica comida do campo. O carro chefe é a costela, acompanhada de um buffet completo de pratos quentes, carnes variadas, saladas e sobremesa como cortesia.

A PALHOÇA RESTAURANTE: Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, KM 32 (Rod. Itatiba/Bragança Paulista)Tel: 4487-8311.

O restaurante A Palhoça combina os melhores sabores com um ambiente tranquilo e muita natureza com gastronomia casual de menu diversificado e caseiro, em quiosques rústicos com ampla área externa. Às quintas, oferecem um buffet com comida típica regional.

BISTECÃO DO DITO: Estrada Vicinal Luiz Suzam, KM 06, Bairro Cocais- Tel: 4524-7263.

Especializado em carnes, o Bistecão do Dito é outro estabelecimento de grande procura. A bisteca de boi e porco é acompanhada de arroz, feijão, batata frita e 10 tipos de salada servidas no buffet.

52

FOTOS: PÓLO TURÍSTICO CIRCUITO DAS FRUTAS

ITATIBA CONTA A I M O N O R T S A G M O C A V I T A R T A L A RUR

ABRIL/MAIO2018

RANCHO MOMBUCA: Estrada Leopoldino Bortolossi, s/n Bairro Mombuca- Tel: 4538-2109.

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

53


missão:

EDUCAÇÃO

VESTIBULARES Q

Pode parecer cedo falar sobre eles agora, mas se quiser garantir uma boa colocação nas Universidades é melhor já se preparar.

por Giovane Almeida

Segundo Carolina Geromel, bacharel e licenciada em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), pedagoga pela Faculdade Associada Brasil (FAB) e coordenadora de cursos preparatórios para vestibulares do centro Essência Educacional, o segredo para se preparar é traçar um perfil de estudos de acordo com as características da rotina do estudante. “Desenvolvemos um cronograma de estudos personalizados para cada aluno e levamos em consideração o perfil de aprendizagem, rotina de estudos e dificuldades pedagógicas”, explica. É interessante notar que os estudantes que começam a se preparar para os vestibulares normalmente estão cursando o último ano do ensino médio, então, é preciso se

54

ABRIL/MAIO2018

atentar à rotina para que possam conciliar seus horários e trabalhos escolares aos estudos extraclasse. Carolina ainda destaca que existe uma técnica para que a preparação aconteça de forma natural e objetiva como, por exemplo, turmas de até, no máximo, dez alunos, proporcionando assim uma interação maior com o professor. “Acredito que dessa maneira as

dedicados que aprenderam não só as matérias dadas em sala, mas que o céu é o limite para suas conquistas. Giovana Fassina é um exemplo. A estudante, aprovada em Pedagogia na Universidade de São Paulo (USP), Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e Unicamp, revela que a preparação para os vestibulares é exaustiva, mas o resultado foi uma experiência muito positiva. “A quantidade de conteúdos exigidos, o tempo das provas e o emocional são alguns dos fatores que tornam esse processo desgastante”, explica. A jovem, que optou pelo curso preparatório e foi aluna de Carolina, conta que sua escolha foi fundamental no desempenho final e pessoal do processo, e que o ponto principal do sucesso dos resultados foi a opção por excelentes professores que possuíam uma visão humanizada e evoluída do processo de aprendizagem. FOTO: ANCO DE IMAGENS

uerer uma carreira de sucesso é o desejo de muitos estudantes. A vida profissional que os aguarda fora do muro das escolas é bastante disputada e exigente e, para encará-la, é necessário muito mais do que sonhar. É preciso lutar. Garantir o estudo em uma boa Universidade é um dos primeiros desafios para se destacar no mercado no trabalho. A concorrência é grande,e os candidatosse preparam por meses – e até anos – para conquistarem uma boa vaga. A preparação, seja particular ou com apoio de cursos preparatórios, para encarar os vestibulares, que vêm à tona na metade do próximo semestre, deve ser muito bem pensada e calculada porque, até para meter a cara, literalmente, nos livros, precisa sim de orientação e atenção.

dúvidas são cessadas e a qualidade do aprendizado aumenta”, diz a professora que oferece simulados semanais aos alunos para auxiliarna análise do seu perfil e entender o que deve ser reforçado ou aperfeiçoado no ensino. E se de um lado temos profissionais engajados em fazer seus alunos alçarem voo, do outro temos estudantes

Sim, o ano já começou e ainda dá tempo de planejar o futuro. Programe-se. Entre as inúmeras dicas e orientações sobre vestibulares, a principal é o prazo. Por isso, atente-se. As Universidades começam a divulgar no final do primeiro semestre suas datas de inscrição e, se deseja ser um grande candidato, é bom se preparar o quanto antes e confiar no seu potencial, que é tão importante quanto suas horas de estudos. “Você não alcançará seus sonhos sem obstáculos, mas só você poderá vencê-los. Enxergue os estudos como um trampolim para suas conquistas pessoais e tudo ficará mais fácil e prazeroso”, aconselha, Carolina. WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

55


TECNOLOGIA

APLICATIVOS QUE PODEM (E COMO) FACILITAR A SUA VIDA

Pode acreditar: o mundo dos aplicativos vai muito além de Facebook e WhatsApp.

por Giovane Almeida

O

s aplicativos para celulares estão a cada dia mais invadindo a nossa rotina – e ocupando um espaço incrivelmente grande nos dispositivos. Redes sociais como o Facebook e WhatsApp, por exemplo, são de uso frequente dos brasileiros e se tornaram indispensáveis para a comunicação e compartilhamento de fotos, vídeos e áudios. Mas, o que muita gente não sabe é que nos sistemas Apple Store e Android existem muitos outros aplicativos interessantes que também podem facilitar a sua vida como nunca antes. Já pensou em controlar suas finanças mensais, utilizar GPS mesmo sem conexão à internet, comprar passagens aéreas mais baratas, estudar um novo idioma em qualquer lugar, melhorar sua alimentação e organizar seus horários de exercício ou planejar suas horas de sono, tudo isso por meio de aplicativos no seu celular? Descubra agora esse universo aqui:

- Here: Quem nunca teve problema com conexão móvel do celular, não é mesmo? O pior é quando isso acontece quando você precisa ir a algum lugar e não sabe o caminho. O aplicativo Here foi desenvolvido pela Nokia com essa finalidade: ajudar o usuário que está sem internet e permitir que utilize o GPS offline para chegar onde quiser. Ele também é útil especialmente em dispositivos com conexão lenta ou para quem deseja economizar os dados 3G.

56

ABRIL/MAIO2018

- Skyscanner: Um dos sites mais conhecidos para compra de passagens aéreas baratas, pesquisa de hotéis e aluguel de carros agora também está em sua versão em aplicativo e pode te ajudar a planejar aquela viagem que tanto sonha com a família. Mesmo sem a data confirmada da sua viagem, ele te auxilia a explorar destinos para ter noção de preços e também envia notificações de promoções relâmpagos de voos.

- Duolingo: Se pretende viajar para outro país, que tal dar uma praticada no inglês? Ou espanhol? O Duolingo veio para revolucionar o aprendizado de idiomas. Você pode praticar escrita, leitura e fala por meio do aplicativo e, à medida que sua nota aumenta, seu nível avança e você aprende novos conteúdos. Ele é bem interessante para quem também quer apenas praticar.

- My Fitness Pal: O My Fitness Pal é uma boa opção para você organizar sua vida fitness. Nele, você registra sua alimen-

tação diária, exercícios físicos e monitora seu peso, medida e calcula em quanto tempo poderá atingir seu peso ideal. É ótimo para não fugir da dieta e lembrar só na segunda-feira.

- Wunderlist: O mundo dos aplicativos pode te auxiliar com as contas do mês. O Wunderlist auxilia na criação de listas das contas que estão prestes a vencer, as compras que precisam ser feitas, os trabalhos para entregar e organiza sua vida financeira em detalhes. Com ele, ser organizado fica até divertido.

- Mathe Alarm Clock: Se o despertador do seu celular não é forte suficiente para te levantar da cama, esse aplicativo é a solução. Com o Mathe Alarm Clock você programa seu horário como um despertador qualquer, mas só consegue desativar seu alarme de manhã depois de resolver problemas matemáticos. Acredite: você vai acordar de qualquer jeito. PARA SABER MAIS: Isabel C. Bona Branco Psicóloga Clínica e Coach de Alta Performance- CRP 06/58509-1 Rua Pedro Elias de Godoy, 66 Jd. Cel. Peroba - Itatiba/SP Contato (11) 9 6184-4653 WWW.QREVISTA.COM.BR

revista A informação que fica!


CLASSIFICADOS

WWW.QREVISTA.COM.BR revista A informação que fica!

ABRIL/MAIO2018

57


Fernanda Souza  

Q Revista - Edição 61

Fernanda Souza  

Q Revista - Edição 61

Advertisement