Page 1

Jornal da Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013 - Ano XXIII N. 533

Reformas garantem infraestrutura adequada na volta às aulas

O ano letivo de calouros e veteranos da PUC Goiás começou com novidades em todas as áreas da universidade. Para o recomeço das aulas, foram realizadas diversas obras com o objetivo de atender as necessidades acadêmicas e ampliar a qualidade dos ambientes de convivência e uso comum da comunidade universitária. Páginas 4 e 5

Câmpus V passa por várias reformas para início do ano letivo

Programação especial para alunos novatos

Ano letivo começa também fora do País

A Pró-Reitoria de Graduação da PUC Goiás promoveu evento especial para a recepção dos calouros, no início das aulas, no final de janeiro. Eles puderam conhecer a estrutura da universidade e seus gestores. Páginas 6 e 7

Mais de 20 alunos da PUC começaram o semestre fora do País, em intercâmbios em vários países. Os intercambistas têm oportunidade de continuar a graduação fora do Brasil. Página 9

Semana de Planejamento reúne professores e gestores da universidade. Página 3

Cursos a distância estão com inscrições abertas. Página 11

Alunos da PUC recebem bolsas da OVG. Página 8

Alfadown traz oportunidade para monitores. Página 12


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 2

Carta do Reitor Nossa casa Quando recebemos em nossa casa, há sempre a preocupação de que tudo corra bem. Nos detalhes e no conforto estão expressos a nossa consideração e o nosso carinho com o visitante. Na universidade não é diferente. A cada começo de semestre, docentes e funcionários se preparam para receber os alunos - calouros e veteranos - preocupados com seu bem-estar e com o melhor aproveitamento deste curto período pela comunidade universitária. Foi assim que toda a nossa equipe da PUC Goiás se envolveu nos preparativos para o início de mais um ano letivo, o 53º da nossa trajetória. Docentes e gestores participaram, em meados de janeiro, da XXXII Semana de Integração Acadêmica e Planejamento, onde discutiram o papel do professor em sala de aula, se atualizaram nos conteúdos da universidade e, principalmente, foram motivados a receber cada aluno de forma calorosa e acolhedora. Esta recepção aconteceu, em dois momentos, na Calourada 2013, onde nossos cerca de 4 mil novos alunos puderam conhecer a PUC e, no início oficial das aulas, dentro das salas e laboratórios da PUC, no retorno dos nossos veteranos. Para recebê-los, a Pró-Reitoria de Administração preparou os diversos ambientes com reformas importantes e significativas, em busca de qualidade e conforto para todos. É importante este recomeço para marcar que a universidade é também a nossa casa, é o local onde passamos grande parte do tempo, seja como estudante, seja como colaborador. Está nas nossas mãos a manutenção deste espaço, que é de toda a comunidade universitária, com o respeito e o cuidado, que deve ser o mesmo que temos em nossas casas. Além desta preocupação, é também desejável que cuidemos das relações interpessoais que construímos neste espaço. Que o mesmo clima de respeito, acolhimento, ânimo e compreensão, visto em todos os câmpus da PUC durante a Calourada, se renove a cada desafio apresentado neste ano de 2013! Bom recomeço a todos nós!

Wolmir Therezio Amado Reitor da Pontíficia Universidade Católica de Goiás Vice-presidente do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras Presidente do Conselho Superior Associação Nacional da Educação Católica (Anec)

Expediente

Instituição juridicamente mantida pela Sociedade Goiana de Cultura - SGC

Folha PUC - Jornal da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, produzido pela Divisão de Comunicação Social - Dicom/GR - Tel.: 3946-1010 Diretora: Carla de Oliveira (GO n. 1076 JP) Redação: Belisa Monteiro (GO n. 2343 JP), Carla de Oliveira (GO n. 1076 JP), Luisa Dias (GO n.01181 JP), Natália Cordeiro e Roldão Barros. Diagramação: Adriano Abreu Fotografias: Wagmar Alves, Weslley Cruz, Umaitá Pires e Bianca Carvalho (estagiária) Impressão: Gráfica da PUC Goiás

Representatividade Crub busca interlocução com MEC sobre apoio das universidades à educação básica

O reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, participou, no dia 30 de janeiro, da 277ª Reunião do Conselho Deliberativo do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), em Brasília (foto). Diversos temas foram discutidos na reunião de planejamento, entre eles, a definição do processo de composição da presidência do Conselho; a elaboração de um documento a ser encaminhado ao Ministério da

Educação sobre a participação do Crub como agente interlocutor e implementador do Programa de Apoio das Universidades às Escolas da Educação Básica, além da elaboração de um cronograma de reuniões (plenárias e encontros do Conselho Deliberativo e Fiscal). Durante a reunião, foram apreciadas as atividades do Alfa Puentes em 2013, projeto responsável pela integração do ensino superior, da harmonização e do reforço da cooperação e intercâmbio latino-americano com a Europa. Os participantes também avaliaram os pareceres das novas filiações do Conselho (Universidade Federal da Fronteira do Sul, Centro Universitário Belas Artes de São Paulo e Fundação Mineira de Educação e Cultura).

Combate a dengue é intensificado na PUC Goiás

Ação preventiva acontece uma vez por semana na universidade

Apesar das ações intensificadas de combate a dengue em Goiânia, o número de casos da doença é alarmante. Somente em 2013, mais de 8.400 moradores da capital foram diagnosticados com a doença, que pode provocar a morte. Para auxiliar a Secretaria Municipal de Saúde, a PUC Goiás reforçou as ações de prevenção e combate a dengue nos espaços da instituição.

Na universidade, foi intensificada a dedetização com fumacê e realizada vistoria em calhas, redes de esgoto e demais locais. A ação preventiva será feita uma vez por semana com o objetivo de eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti. Os colaboradores também são orientados a não deixar objetos que acumulem água parada e eliminar os lixos nos locais corretos.

ADMINISTRAÇÃO SUPERIOR DA PUC GOIÁS GRÃO-CHANCELER: Dom Washington Cruz, CP REITOR Prof. Wolmir Therezio Amado VICE-REITORA Profa. Olga Izilda Ronchi PRÓ-REITORA DE GRADUAÇÃO Profa. Sônia Margarida Gomes Sousa PRÓ-REITORA DE EXTENSÃO E APOIO ESTUDANTIL Profa. Márcia de Alencar Santana

PRÓ-REITORA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA Profa. Sandra de Faria PRÓ-REITORA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL Profa. Helenisa Maria Gomes de Oliveira Neto PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO Prof. Daniel Rodrigues Barbosa PRÓ-REITOR DE COMUNICAÇÃO Prof. Eduardo Rodrigues da Silva CHEFE DE GABINETE Prof. Lorenzo Lago


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 3

Planejamento

Semana de Planejamento da PUC Goiás discute desafios da docência

Professores participaram ativamente da programação da semana

A PUC Goiás realizou, entre os dias 24 e 26 de janeiro, a XXXII Semana de Integração Acadêmica e Planejamento (Siap) da instituição. O tema do evento foi A aula universitária: desafios à docência, que abordou a sala de aula, o contexto para o pensar sobre os conteúdos, a investigação e a motivação dos alunos. A programação do evento, organizado pela Pró-Reitoria

de Graduação, incluiu oficinas, conferências e debates sobre diversas temáticas do mundo acadêmico. A semana foi prestigiada por mais de 1,5 mil docentes que trabalham na instituição e antecedeu o início das aulas. A semana foi aberta com a conferência Sala de aula: articulando conteúdos, investigação e motivação dos alunos, ministrada pelo prof. dr. Manoel Oriosvaldo de Moura, da Faculdade de

Educação da Universidade de São Paulo (USP). O professor, que se graduou em Matemática e se especializou na área da Educação, trabalhou os temas propostos citando exemplos da sua própria vida acadêmica e profissional. Ele contou que descobriu a paixão pelo ensino enquanto ainda era estudante de Matemática na USP. Durante a graduação, o professor cursou disciplinas como Sociologia da Educação e não parou mais. “Era uma coisa impensada na época. Como alguém de exatas poderia se preocupar com questões sociais ligadas ao ensino?”, disse. Também durante a abertura, a pró-reitora de Graduação, profa. Sônia Margarida, ressaltou a importância da Avaliação Interdisciplinar, que será realizada em maio. “Tivemos a adesão de quase 100% dos alunos na edição passada”, enfatizou. O reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, destacou a necessidade de união dos profis-

Prof. dr. Manoel Oriosvaldo de Moura (USP)

sionais para o sucesso do planejamento anual e pediu para os professores maior empenho no aconselhamento e orientação aos estudantes, citando o Programa de Orientação Acadêmica (Proa). Ao falar do tripé ensino, pesquisa e extensão, ele destacou a Jornada da Cidadania, que será realizada de 22 a 25 de agosto, no Centro de Convenções da universidade. O evento reúne o melhor da Semana de Cultura e Cidadania, da Semana do Folclore e da Feira da Solidariedade.

Reitoria reúne diretores e coordenadores pela primeira vez em 2013

Gestores recebem orientações sobre recepção dos alunos

Foi realizada no dia 24 de janeiro, no período da tarde, a primeira reunião de diretores e coordenadores de departamentos e cursos da PUC Goiás. O encontro fez parte da programação da XXXII Semana de Integração

Acadêmica e Planejamento e foi coordenado pelo reitor da universidade, prof. Wolmir Amado, e pela pró-reitora de Graduação, profa. Sônia Margarida, no Plenário da Reitoria. Durante a reunião, o reitor

falou aos participantes sobre a importância da acolhida dos novos alunos e dos veteranos, no início das aulas. “É importante ter uma atenção especial neste começo, porque para quase 4 mil alunos este será o primeiro contato com a universidade e a primeira impressão é muito marcante na relação posterior com a vida acadêmica”, afirmou, lembrando que, no total, mais de 25 mil alunos de graduação retomaram as aulas no final de janeiro. Os gestores foram orientados a reforçar as equipes para a Calourada e também para o período de matrículas, recebendo de forma calorosa todos os universitá-

rios e seus familiares. “Qualquer alteração, peço que se antecipem e busquem solução”, falou o reitor. A profa. Sônia destacou os preparativos para o recomeço das aulas, desde a programação da Calourada até a ampla reforma realizada em toda a universidade. “Os espaços receberam uma atenção especial, que incluiu pintura e pequenas obras, que devem ser valorizadas pela comunidade acadêmica”, disse ela, pedindo o envolvimento dos docentes na mobilização dos alunos para a conservação da universidade. Retrospectiva A reunião também foi o momento do reitor lançar a retrospectiva em vídeo do segundo semestre de 2012. “Este é um material único, que resgata a nossa caminhada e constrói a memória da universidade”, explicou. Os gestores receberam exemplares dos vídeos, que devem ser exibidos nas programações acadêmicas. A retrospectiva foi produzida pela Divisão de Comunicação Social da PUC Goiás.


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 4

Melhorias

Infraestrutura da PUC ganha novidades

Nova guarita de acesso ao estacionamento está sendo construída na Área 3

O ano letivo da PUC Goiás começou com novidades em todas as suas áreas e câmpus. Para receber calouros e veteranos, a universidade realizou diversas obras com o objetivo de atender as necessidades acadêmicas e ampliar a qualidade dos ambientes de convivência e uso comum da comunidade universitária. A instituição investiu em infraestrutura adequada para dar andamento às atividades. O pró-reitor de Administração, prof. Daniel Rodrigues Barbosa, falou que no último ano foram concluídas mais de 30 obras, entre reformas, readequações e ampliações e existem outras 13 em andamento. “As melhorias na universidade oferecem condições adequadas de estudo para os acadêmicos e para os docentes. A qualidade estrutural e de ensino expande com as obras realizadas no último ano”, afirma. No período de férias, segundo o prof. Daniel, foram realizadas diversas melhorias. “Nesse início de semestre focamos nas reformas das salas, banheiros e estacionamentos para dar mais conforto aos acadêmicos”, conta. Nos Câmpus I, II e V, as salas de aula e áreas de circulação fo-

ram pintadas, receberam lousas novas, houve reformas nas janelas e portas, além de aumento no número de pontos elétricos. Nos banheiros, houve a reposição de espelhos, assentos, pinturas e instalação de ganchos para bolsas. Os estacionamentos do Câmpus V e das Áreas 2 e 4 também sofreram reparos. No hospital-ensino da PUC Goiás, a Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, um estacionamento especial para os estagiários está em construção. Antes do retorno das aulas, o pró-reitor visitou os locais para analisar o andamento das obras. Ele comentou que além das melhorias realizadas, a universidade adquiriu 500 novas carteiras e reformou outras 1000. Planejamento Ainda este ano, estão previstas outras obras. Entre elas o lançamento da pedra fundamental do Escola de Formação de Professores e a conclusão do Centro de Convenções, que ficará pronto em julho para a realização de convenções, exposições e congressos científicos. Outro ponto positivo é a instalação de projetores multimídia e telas em 340 salas da instituição.

Salas receberam mais pontos de energias

Na Santa Casa está sendo construído novo estacionamento


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 5

Melhorias Confira as novidades para 2013 O quê? Reparar as paredes, forros, e pintar o Teatro Católica e Biblioteca Setorial Remanejar as divisórias

Adequar instalações para implantação das Escolas Executar reparos nas lajes e pilares do estacionamento Reformar a rampa e corrigir infiltrações no prédio da Paróquia Concluir a construção de dois auditórios no Bloco D Implantar o laboratório de controle/monitoramento ambiental Dividir o Laboratório de Fenômenos de Transporte e Hidráulicos Implantar projeto de identificação visual Transferir o laboratório de Conforto Ambiental Implantar mais um laboratório e readequar o espaço dos existentes Construir novo laboratório de Gastronomia/Nutrição – equipamentos e coifas Reformar a passarela Redimensionar os espaços acadêmicos Executar reparos em infiltrações e rachaduras Revitalizar a Aldeia Indígena Instalação do avião 327 Ampliação da Biblioteca Construir a sala para eventos e mais três salas de aula na PUC Idiomas Implantar sistema de circuito fechado de televisão Adequar o espaço físico para a secretaria acadêmica Executar projeto e adequações funcionais no Centro de Referência em Saúde Auditiva Executar adequações na Sala Cirúrgica para colocação de filtro de esterilização Instalar equipamentos multimídia nas salas de aula Instalação de 317 novos computadores Instalação da CAD, o CEAD e o DRH Instalação de elevador Construção do Museu da História da PUC Goiás Construção da Área de convivência Remanejamento e redimensionamento da Sala de Eventos Cobertura da quadra poliesportiva Construção do Centro de Convenções Construção de grade em substituição do muro já demolido Construção do Centro de Formação de Professores Construção de guaritas Construção de guarita de acesso à Casa de Estudantes (CEU II) Pintura de todas as salas de aula, laboratórios, corredores, meios-fios e volumes Construção de telhado sobre o terraço do Laboratório Replicom Adequação de área na Santa Casa para instalação do estacionamento para os estagiários da PUC Goiás Reforma de 1000 carteiras e aquisição de 500 novas

Onde? Câmpus V Do Bloco B da Área 3 para o Laboratório de Estatística e Modelagem MAF Área 1 Subsolo do Bloco D e estacionamentos da Área 2 Área 2 Área 2 Bloco J na Área 3 Banheiros passaram por ampla reforma

Área 3 Toda a PUC Goiás Bloco A na Área 3 Bloco L na Área 4 Bloco E na Área 4 Bloco G na Área 4 Bloco S no Câmpus II Bloco S no Câmpus II Instituto do Trópico Subúmido no Câmpus II Câmpus II  Área 1 PUC Idiomas

No Câmpus II está sendo construído o Centro de Convenções da PUC

Área 5 e PUC Idiomas Área 1 Área 5 Área 5 Áreas 1, 2 e 4 Todas as áreas Bloco A na Área 2 Bloco A, Câmpus V Área 3 Em frente aos Blocos C e D, Área 3 Área 4

Cerca de mil carteiras foram reformadas e outras foram adquiridas

Câmpus II Câmpus II Câmpus III Avenida Anhanguera Áreas 1, 3 e 4 CEU II Todas as áreas Área 4 Santa Casa de Misericórdia Todas as áreas

Todas as salas receberam pintura nova


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 6

Calourada

Sonhos e expectativas na entrada dos novos alunos da PUC

Calouros iniciam trajetória de estudos na PUC Goiás

“Eu sempre quis fazer Enfermagem”, contou o calouro César Augusto, 17 anos, enquanto aguardava sentado em frente ao hall da Área 4 da universidade. Sentada ao seu lado estava a caloura de Psicologia, Aline Bastos, de 19 anos. “Eu fiz teste vocacional com a minha psicóloga e ela me indicou o curso de Psicologia. Disse que eu tinha o perfil”, afirmou. Apesar de estarem próximos, os dois não se conheciam. César parecia esquecer-se do mundo enquanto mergulhava nas histórias do livro que tinha trazido. Aline, por sua vez, tentava se distrair conversando com as

pessoas ao redor. Ambos aguardavam, juntamente com vários outros calouros, o início da reunião de encontro com a Reitoria da PUC Goiás, dia 29 de janeiro. O encontro estava marcado para as 8 horas, mas o tempo parecia não passar para aqueles jovens. Muitos já estavam na universidade desde mais cedo. Todos aparentavam estar ansiosos. E não é para menos. “Esse momento (a Calourada) representa também uma transição da educação básica para a educação superior. Muda muita coisa”, afirma o reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado. Tradicional

“Eu acredito que o curso vai ser o mais produtivo possível. Esse curso representa novos horizontes”. César Augusto, Enfermagem, 17 anos

na região Centro-Oeste, a PUC Goiás já formou quase 90 mil profissionais de diversas áreas e tem, atualmente, 25 mil alunos de graduação e mais de 7 mil alunos de pós-graduação – entre especializações, mestrados e doutorados. Neste semestre, 4 mil novos alunos – entre eles o César e a Aline – ingressam nos 47 cursos de graduação. Para apresentar a instituição a tanta gente, a universidade preparou um evento de dois dias – a Calourada – com a participação de professores, coordenadores de curso, diretores de departamento, assessores e Reitoria.

No primeiro dia da Calourada, os novos alunos conheceram seus cursos, áreas de atuação, professores, espaço físico, entre outros pontos. No dia seguinte, eles visitaram a estrutura administrativa da universidade, programas de intercâmbio, extensão e pesquisa. “É um momento diferenciado onde todos nós, gestores da universidade, estamos focados neles, para que esses novos alunos possam se inteirar sobre o curso e o que a universidade tem a oferecer”, ressalta a pró-reitora de Graduação, profa. Sônia Margarida.

“Jornalismo na PUC Goiás foi a minha primeira opção. A universidade tem uma boa estrutura”. Amanda Teixeira, Jornalismo, 17 anos


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 7

Calourada

Calouros recebem orientação Além de uma pasta com material sobre a universidade, oportunidades de intercâmbio estudantil, o calendário acadêmico de 2013 e o manual do aluno, os calouros também receberam, durante a Calourada, orientações do reitor e dos pró-reitores, baseados em suas experiências de vida. “A educação superior, para a maioria de vocês, vai ser diferente de tudo que viveram até hoje. Vocês sairão daqui com uma profissão e com um compromisso. Nós não estamos aqui diante de calouros. Nós estamos aqui diante de homens e mulheres que farão um bem enorme a todos”, ressaltou o reitor. O gestor da PUC Goiás ainda lembrou que, pelo caráter comunitário da instituição, a formação acadêmica não é focada apenas na ciência e na técnica, mas também na humanização do ensino. “A gente investe na formação técnica, científica, social, ambiental, estética e espiritual.

Reitor fala a novos alunos durante evento de apresentação da universidade

Enfim, somos uma universidade que tem formação integral, humana. A gente forma gente boa”, disse.

Calouros participam de encontro

“Espero terminar o curso e já ter uma boa inserção no mercado de trabalho. Ouvi falar bem do curso pela sua tradição”. Fernando Batista Viana, Engenharia Civil, 17 anos

Ao lembrar as dificuldades que os acadêmicos provavelmente terão, o reitor os orientou a terem fé e comprometimento.

“Às vezes nós ficamos desanimados no meio do caminho. Isso é normal. Não tenham medo, vão para frente”, aconselhou.

Acadêmicos conhecem estrutura dos cursos

“Meus professores me recomendaram a PUC Goiás”. Aline Bastos, Psicologia, 19 anos


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 8

Benefício

Universitários da PUC são contemplados com bolsas de estudo da OVG O Programa Bolsa Universitária (PBU), desenvolvido pelo Governo do Estado por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), incluiu novos beneficiários, selecionados em processo realizado no segundo semestre de 2012. No total, 7.952 estudantes passarão a receber o benefício. Destes, mil receberão a bolsa integral e 6.952, a parcial. Estes números incluem universitários de todo o Estado, entre eles, acadêmicos da PUC Goiás. No evento, realizado no Centro de Convenções, no dia 24 de janeiro, os alunos assinaram os contratos e receberam informações sobre o programa. Os novos bolsistas atendem os critérios socioeconômicos de inclusão no PBU: renda bruta familiar mensal de até 3 salários mínimos para bolsa integral e renda bruta familiar de até 6 salários mínimos para bolsa parcial. O valor do benefício parcial no primeiro semestre é de 80% da mensalidade, limitado a R$ 300,00. A partir do segundo semestre, o valor pode chegar a R$ 500,00, de acordo com o desempenho acadêmico

Professor Wolmir prestigiou evento de concessão de bolsas

do aluno. Quanto maior a nota, maior o valor da bolsa. Ao serem inscritos no programa, os estudantes se comprometem a prestar a contrapartida em uma das instituições parceiras cadastradas na OVG, em sua área de formação ou em ações humanitárias, como a doação de sangue. A carga horária da contrapartida é proporcional ao

Desembargador Ney Teles assume presidência do Tribunal de Justiça de Goiás Carlos Hipólito Escher e Nelma Branco Ferreira Perilo nos cargos de vice-presidente e corregedora-geral da Justiça, respectivamente. A cerimônia foi prestigiada pelo grão-chanceler da Novo presidente do TJ recebe cumprimentos PUC Goiás e arcede prof. Wolmir e dom Washington bispo de Goiânia, Tomaram posse, no dia 1º de dom Washington Cruz, e pelo fevereiro, os novos dirigentes do reitor da universidade, prof. Poder Judiciário estadual, em Wolmir Amado. solenidade realizada na sede O Tribunal de Justiça conta do Tribunal de Justiça (TJ-GO). atualmente com 354 magistraComandarão o Judiciário, no dos, dos quais 35 são desembarbiênio 2013/2015, o desembar- gadores, além de um quadro de gador Ney Teles de Paula, que pessoal de cerca de 13 mil serviassumiu a presidência, acompa- dores, entre efetivos, estagiários nhado pelos desembargadores e terceirizados.

valor da bolsa e compatível com os horários de estudo e trabalho. Para o reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, que prestigiou a cerimônia, a variação de valor de acordo com o desempenho vai servir para estimular os bolsistas a se dedicarem mais aos estudos. “O Programa de Bolsas da OVG é uma iniciativa original e inédita no Bra-

sil enquanto projeto estadual. Além de um incentivo financeiro, ela é também um incentivo pedagógico”, ressalta. O acadêmico de Direito da PUC Goiás, Leonardo Alves Vieira, falou sobre a importância do incentivo para a sua permanência na universidade, durante o evento. Ele será beneficiado com bolsa parcial.

Reitor prestigia posse dos novos dirigentes do TRT

Prof. Wolmir com os desembargadores Elza Silveira e Aldon Taglialegna

O reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, prestigiou a posse dos novos dirigentes do Tribunal Regional do Trabalho de Goiás, eleitos para o biênio janeiro de 2013 a janeiro de 2014. A cerimônia foi realizada na sede

do órgão, no dia 25 de janeiro. A desembargadora Elza Cândida da Silveira assumiu o cargo de presidente da 18ª Região, e o desembargador Aldon do Vale Alves Taglialegna, o de vice-presidente do tribunal.


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 9

Internacionalização

Alunos da PUC Goiás começam semestre letivo no exterior

Intercambistas foram recebidos pelo reitor antes do embarque

O semestre começa diferente para 27 acadêmicos da PUC Goiás. É que eles partiram, antes do início das aulas, para experiências de intercâmbio em Portugal, Espanha, Bélgica, Chile, Itália, Estados Unidos e Holanda. Desses estudantes, sete receberam bolsas do Banco Santander, dois graduandos foram beneficiados pelo programa Ciência sem Fronteiras e os demais são de convênios próprios. Os discentes são dos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Direito, Relações Internacionais, Psicologia, Ciências Contábeis e Administração. Antes de partir, eles se reuniram com a Reitoria da universidade. Participaram da reunião, o reitor Wolmir Amado, a pró-reitora

de Graduação, Sônia Margarida Gomes Sousa, a pró-reitora de Desenvolvimento Institucional, Helenisa Maria Gomes de Oliveira Neto, a pró-reitora de Extensão e Apoio Estudantil, Márcia de Alencar Santana, o pró-reitor de Comunicação, Eduardo Rodrigues da Silva, o assessor de Relações Internacionais, Paulo Gonzaga, e a gerente do Banco Santander, Raquel Brasil Borges. O reitor revelou que é uma alegria muito grande enviar acadêmicos para o exterior. “Uma das metas da universidade é a internacionalização. A PUC Goiás investe constantemente nessa área”, conta. “Desejamos que o número de discentes no intercâmbio aumente. Esperamos um futuro promissor para esses estu-

dantes, já que a viagem agrega conhecimento e valor”, acrescenta. Segundo a pró-reitora de Graduação, Sônia Margarida, essa é a oportunidade dos alunos conhecerem outros países, cidades, sua história e como sua área de conhecimento foi desenvolvida no local. “Espero que vocês voltem com o conhecimento adquirido lá e dividam o que aprenderam com os demais alunos da PUC Goiás. A universidade crescerá ainda mais com a ida de vocês”, afirma. A pró-reitora de Desenvolvimento Institucional, Helenisa Maria Gomes de Oliveira Neto, falou da experiência que teve em casa com dois filhos intercambistas. “Um deles está em Coimbra. Além das aulas referentes ao curso de Arquitetura, estuda inglês,

e aproveita para viajar pela Europa e conhecer outros lugares”, fala. Oito alunos vão para a Universidade de Coimbra, em Portugal, um para a Universidade de Sevilha, na Espanha, seis para a Universidade de Liège, na Bélgica, seis para a Universidade Católica do Norte, no Chile, e dois para a Universidade de Ferrara, na Itália. O estudante de Direito Rafael Henrique Mesquita Machado vai para a Universidade Católica do Norte, no Chile. Ele contou que a universidade ofereceu um curso de Espanhol intensivo antes da viagem e está contente com a primeira vivência fora do país. “Estou confiante na experiência que vou adquirir, em tudo que eu aprender lá”, revela.

Pós-graduação realiza planejamento para 2013-1 da pós-graduação e pesquisa na universidade”, ressaltou a pró-reitora. Sandra de Faria lembrou a criação do 13º mestrado da universidade, em Atenção à Saúde, um passo importante que trará novas pessoas para a Prope. “Teremos novos professores, alunos e funcionários este ano e devemos recebê-los com muita atenção e responsabilidade”, disse.

Professora Sandra motiva equipe da Prope no início do ano letivo

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (Prope) da PUC Goiás realizou, no dia 25 de janeiro, reunião de abertura e planejamento do primeiro semestre de 2013. Com o objetivo de reunir os coordenadores e funcionários da Prope para frisar as prioridades previstas para a pós-graduação

e pesquisa na universidade, o evento, presidido pela pró-reitora de Pós-Graduação e Pesquisa, Sandra de Faria, foi realizado simultaneamente à XXXII Semana de Integração Acadêmica e Planejamento da instituição. “Aproveitamos o momento para pensar e discutir também no planejamento

Liderança A região Centro-Oeste conta com 25 instituições de ensino superior que oferecem mestrados e doutorados. Neste cenário, a PUC Goiás é a líder entre as universidades particulares e comunitárias na região, com mais de 1.600 mestres e 50 doutores.

Terceiro curso da Escola de Conselhos começa dia 18 O terceiro curso da Escola de Conselhos começa no próximo dia 18 de fevereiro. Em datas alternadas, seis turmas de diversos municípios goianos vão passar pelo Curso Temático de Aprofundamento II. As aulas vão até abril. Desta vez, a meta estabelecida no convênio entre a PUC Goiás, por meio do Instituto Dom Fernando (IDF), e a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) é capacitar 400 agentes. Conselheiros ainda não inscritos podem solicitar a ficha pelo e-mail: escolaconselho. goias@gmail.com ou pelo telefone (62) 3946 1205.


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 10

Formação continuada

Inscrições para cursos de especialização estão abertas A PUC Goiás está com inscrições abertas para 11 cursos de especialização que visam a excelência na formação educacional. As pós-graduações em Direito e Consultoria Empresarial, Direito Constitucional e Administrativo, Direito Penal e Processo Penal, Direito do Trabalho e Processo do Trabalho, Direito Tributário, Docência Universitária, Enfermagem Obstétrica, Engenharia e Segurança do Trabalho, Formação de professores: educação infantil, Hematologia Laboratorial, Microbiologia Clínica e Medicina Laboratorial estão disponíveis. Segundo a profa. Helena Be-

atriz de Moura Belle, coordenadora de Pós-Graduação Lato Sensu, a universidade desenvolve cursos de especialização, em todas as áreas do conhecimento, para propiciar a educação continuada, direcionados ao exercício profissional, estruturados com base na legislação vigente e nas políticas de pós-graduação. “Conquistamos, continuamente, credibilidade por imprimir em nossas ações, compromisso ético, social e defesa da dignidade humana”, afirmou ela. As inscrições podem ser feitas no site da instituição. Mais informações no site www.cpgls. ucg.br ou no telefone 3946-1065.

Fachada do prédio da Pós-Graduação

Entrevista Em entrevista ao Folha PUC, a coordenadora de pós-graduação lato sensu da universidade, professora Helena Beatriz de Moura Belle, fala da importância da educação continuada e da necessidade da especialização para os profissionais. sional, nas rotinas do trabalho e no primeiro emprego.

Profa. Helena Beatriz Qual o momento certo para planejar uma especialização? Os cursos de especialização, nos quais incluem os designados Master Business Administration (MBA), têm por finalidade a educação continuada, com vistas a estimular os profissionais a atuarem de forma reflexiva em suas diversas áreas do conhecimento e setores, bem como suscitar o desejo permanente de atualização, que integram os conhecimentos estruturados intelectual e tecnicamente. Para o profissional visionário ou aquele que deseja se inserir no mercado de trabalho, logo após a graduação, é oportuno o ingresso em um curso de especialização. Esta iniciativa, seguramente, terá impacto positivo em qualquer fase profis-

Alunos da graduação devem esperar quanto tempo, depois de formados, para continuar o estudo? Para o recém-graduado, que ao longo do curso estudou e discutiu conteúdos diversificados, distribuídos entre teorias e práticas nas disciplinas específicas e afins, entendemos ser importantíssimo iniciar uma especialização imediatamente após sua graduação, pois poderá concentrar as atenções em uma área e desenvolver habilidades e competências, além de conhecimento, terá sua carreira valorizada. Hoje, como o mercado valoriza uma pós-graduação? Na atualidade é consenso, tanto de profissionais que já atuam como para recém-graduados, a constante necessidade de atualização de seus conhecimentos. O processo de conscientização sobre o valor dos diplomas acadêmicos, e, no caso das especializações, do certificado, credencia o especialista e confirma a sua preocupação com o saber, com o desenvolvimento profissional.

Portanto, viabiliza sua atuação nas áreas privada e pública – empresas; organizações sociais; entidades públicas – e torna-se elemento indispensável, tanto para aquele que deseja fortalecer a sua carreira quanto para aquele que deseja se inserir no mercado de trabalho ou ampliar a sua atuação. Como o profissional deve escolher a especialização? Quais são os critérios importantes a serem observados na hora de escolher o curso? A escolha adequada de uma instituição de ensino superior, entendemos, é o passo inicial. Um curso bem estruturado deve considerar as regulamentações educacionais vigentes, bem como as políticas institucionais. O curso não pode ser uma repetição de conteúdos estudados na graduação ou equivalente. A matriz curricular deve contemplar as atividades de disciplinas de preleção, estágios, atividades integradoras, visitas técnicas e trabalho científico, em conformidade com objetivos bem delineados e um público-alvo, específico ou geral, capaz de realizar e compreender a essência do curso.

O corpo docente é um diferencial importante porque pode contribuir com conhecimentos e experiências que facilitarão o desenvolvimento dos estudos, além de poder ser intermediador na ascensão profissional. Qual a diferença desta formação? E como o acadêmico pode aproveitá-la melhor? O acadêmico poderá aproveitar, satisfatoriamente, os conhecimentos obtidos em um curso de especialização aliado a sua atuação e experiência profissional, mediante a aplicação dos conhecimentos para, então, perceber os resultados encontrados. A aprendizagem gera segurança e aumenta a autoestima do profissional, que adquire habilidades e competências enquanto agente ativo e na medida dos enfrentamentos das rotinas em suas funções no campo de trabalho. Os cursos de pós-graduação na modalidade especialização motivam e movem cada um desses profissionais a se atualizarem constantemente, facilitando o ingresso em outros cursos, mestrado e doutorado, notadamente para os que desejam atuar na docência do ensino superior.


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 11

Programe-se

Inscrições abertas para cursos de apoio ao aluno A Coordenação de Educação a Distância (Cead) da PUC Goiás está com inscrições abertas, até o dia 28 de fevereiro, para os cursos do Programa de Apoio ao Aluno de Graduação da PUC Goiás. São oferecidos os seguintes cursos: Matemática Básica I, Matemática Básica II, Língua Portuguesa, Orientações para Trabalhos Acadêmicos, Normas para Trabalhos Acadêmicos, Informática Básica (Word e PowerPoint) e o novo curso Informática Básica II (Introdução ao Excel e Movie Maker). O início das aulas está previsto para o dia 11 de março. Os cursos são gratuitos e as inscrições podem ser feitas no site da PUC Goiás, na página da Coordenação de Educação a Distância. Informações: 3946-1057/ 1298.

PUC Goiás oferece vagas para mestrados e doutorados A PUC Goiás está com inscrições abertas, até o dia 14 de fevereiro, para pós-graduações Stricto Sensu em três áreas. Estão disponíveis quatro vagas para o mestrado e três para o doutorado em Psicologia, seis para o mestrado em Serviço Social e cinco para o mestrado em Engenharia de Produção e Sistemas. Os programas são destinados à formação de pesquisadores e docentes para a educação superior e a qualificação profissional para os diferentes setores da sociedade.

Comunicação e Imagem de Moda é tema de curso de extensão As inscrições para o curso de extensão Comunicação e Imagem de Moda estão abertas até o dia 1º de março. Os professores Izabelle Capuzzo e Fernando Rodrigues instruem o aluno a explorar o universo da imagem de moda através de exercícios de análise, leitura e interpretação de campanhas, desfiles, catálogos, e editoriais. Vinte vagas são oferecidas. O início das aulas está previsto para 6 de março. Mais informações no site www.pucgoias.edu.br.

Matriculas na PUC Idiomas terminam dia 22

Curso sobre fotografia digital está com inscrições abertas A PUC Idiomas está com matrículas abertas até o dia 22 de fevereiro. A escola oferece cursos regulares de inglês, francês, espanhol, italiano, alemão e português, além de instrumentais, específicos para melhor idade ou viagem, preparatórios para o TOEFL ou DELF e modalidades voltadas à Copa 2014. Como grande novidade do semestre, a PUC Idiomas oferecerá cursos de inglês e francês na modalidade Plus, com três aulas por semana. Os alunos e os egressos da PUC Goiás possuem 10% de desconto. Para mais informações: 3227-1281 / 1176 ou acesse www.pucgoias.edu.br/catolicaidiomas.

Cooperação e inclusão social A Editora PUC lançou o livro Cooperação e inclusão social. A obra reúne um conjunto de artigos que discute cooperação e inclusão social. Tem como pano de fundo a temática do bem-estar social, que se encontra tão ameaçado neste início de século. Os artigos tratam de solidariedade, inclusão social, desenvolvimento sustentável, práticas cooperativas, papel das instituições, democracia, além da pesquisa localizada sob a ótica do capital social. Livro: Cooperação e inclusão social Autores: Andréa Freire de Lucena, Claudia Regina R. Carvalho e Nair de Moura Vieira (Organizadoras) Páginas: 278

As inscrições para o curso de extensão Fotografia Digital: Eu Posso! estão abertas para acadêmicos e comunidade acima de 40 anos. O professor João Batista Lemos dos Santos Júnior ministrará as aulas aos sábados, de fevereiro a abril. O objetivo é estimular a visão e produção do suporte fotográfico para o caráter documental e memorial, identificando e inserindo elementos da linguagem visual, além de valorizar as possibilidades de práticas cotidianas.

Dicas de filmes Minhas Tardes com Margueritte Título original: “La Tête en friche” Ano: 2010 Gênero: Drama Direção: Jean Becker Idioma: Francês (legenda em Português) Duração: 82 min Uma história sobre os encontros inesperados da vida. De um lado Germain (Gérard Depardieu), um iletrado e solitário homem. Do outro, Margueritte (Gisèle Casadesus), uma senhora cheia de ternura. Entre eles, uma diferença de décadas de idade e, em comum, o encanto pelos livros. Este filme pode ser encontrado na Caravídeo, que oferece desconto de 20% nas locações para alunos, professores e funcionários da PUC Goiás. Rua 10, qd. 44, Setor Central - Informações: (62) 3223-6622


Goiânia, 1ª quinzena de fevereiro de 2013

Folha PUC 533 - 12

Inclusão

Alfadown inicia ano letivo com vagas para monitores

Monitores voluntários ganham experiência com inclusão em sala de aula

Experiência em conviver com a diversidade e capacidade para lidar com pessoas que possuem necessidades especiais. Estes são alguns dos benefícios que os monitores do Projeto A Informática como Processo Facilitador da Alfabetização de Pessoas com Síndrome de Down (Alfadown) da PUC Goiás recebem em um

semestre de experiência. O programa está com inscrições abertas, até o dia 15 de fevereiro, para 30 monitores não remunerados. São oferecidas 15 vagas para o período matutino e 15 para o vespertino. As inscrições devem ser feitas pelo site www.pucgoias.edu. br. A seleção é feita por meio de um formulário enviado para

os emails dos concorrentes. Logo após, alguns deles são convidados para entrevista na qual explicam a metodologia do curso. Os candidatos às vagas devem ter disponibilidade de horário, noções de informática e cursar um dos diversos cursos da PUC Goiás. Os acadêmicos que participarem do projeto receberão certificado de 50 horas em projetos de extensão da universidade. A atividade proporcionará aos futuros alunos voluntários a vivência das práticas pedagógicas com pessoas que possuem necessidades especiais. A finalidade é produzir e socializar o conhecimento elaborado na universidade e propor instrumentos que qualifiquem a formação profissional e a inclusão social por meio da educação.

Experiência A coordenadora do projeto, Sandra Regina Matos Costa, observa o desenvolvimento das pessoas com síndrome de Down nos 10 anos de existência do programa. “Percebemos que eles desenvolvem autonomia, sociabilidade com os demais, passam a expor aos professores suas dificuldades e o rendimento na escola e na vida melhora”, afirma. Desenvolvido pelo Programa de Educação e Cidadania (PEC) da Coordenação de Estágio e Extensão da PUC Goiás (ETG), com a parceria da Associação Down de Goiás (Asdown) e apoio da Superintendência de Ensino Especial da Secretaria da Educação do Estado de Goiás (SEE), o projeto auxilia no desenvolvimento de habilidades por meio da computação e colabora com a comunidade goianiense.

Unati abrirá período para matrículas As inscrições para a Universidade Aberta à Terceira Idade (Unati) da PUC Goiás serão realizadas entre os dias 27 de fevereiro e 2 de março. As matrículas devem ser feitas pelo site www.pucgoias.edu.br ou no Laboratório de Informática da Área 2 da instituição. Cada aluno pode se matricular em até três oficinas. As aulas vão começar no dia 11 de março. São oferecidas oficinas de fisioterapia na promoção à saúde, informática, dança, coral, internet, teatro, educação afetiva, desafios e prazeres com a psicologia, cooperativismo e economia solidária, fisioterapia preventiva, espanhol, educação em direitos humanos, psicomotricidade, nutrição e culinária saudável, inglês, transcendência e vida,

Cursos incentivam o envelhecimento saudável

massagem e postura, saúde bucal, gênero, envelhecimento e sexualidade, alfabetização, geriatria e gerontologia saudável,

voleibol, reabilitação labiríntica, e habilidade, linguagem e memória. Além dos cursos, ainda estão

previstas para o primeiro semestre a confraternização de calouros, encontros informativos, quatro seminários para tratar questões do Estatuto do Idoso, festa junina e uma viagem. A coordenadora do programa, Marli Bueno, pretende aumentar o número de oficinas ainda esse semestre. O programa voltado à terceira idade existe desde 1992 e possibilita que pessoas acima de 50 anos tenham acesso à universidade na perspectiva da educação continuada, resgatando a cidadania e desenvolvimento do espírito de convivência. Além disso, estimula o envelhecimento ativo e saudável. No último ano, a Unati contou com 382 alunos matriculados em 27 cursos.

FOLHA PUC - 533  

Jornal da Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you