Issuu on Google+

SETEMBRO 2012 • NÚMERO 8 • MENSAL

www.revistaprogredir.com

novos paradigmas

a emergência do capital intelectual

renovar relacionamentos 5 formas para Renovar nos Relacionamentos

18 dicas para renovar a sua saúde!

REVISTA DIGITAL GRATUITA

conheça TAMERA centro de investigação para um novo paradigma civilizacional

Descontraia e Reflita através do vídeo do mês

Entrevista com Leonel Moura


editorial

Renovar RUA LINO ASSUNÇÃO N.º 24 | 2770-109 PAÇO DE ARCOS 21 443 83 05 | 96 277 73 21 NIF 509 992 978 DIRETOR GERAL PEDRO SCIACCALUGA FERNANDES

w w w. r e v i s t a p r o g r e d i r. c o m N.º 8 | Setembro 2012 | Revista Mensal

Diretor | Pedro Sciaccaluga Fernandes progredir@revistaprogredir.com Direção Comercial | David Rodrigues comercial @revistaprogredir.com Editora | Maria Melo editor@revistaprogredir.com Imagem, Montagem e Design | Liliana Gomes Silva design@revistaprogredir.com Redação | Sofia Frazoa, Catarina Girão, Cátia Mota e Ricardo Fonseca redacao@revistaprogredir.com Comercial | Sofia Guimarães e Sílvia Cardoso Sugestões e Feedback geral@revistaprogredir.com Subscrições subscrever@revistaprogredir.com

Colaboradores desta Edição Bernardo Galvão Sousa, Carlos Lourenço Fernandes, Catarina Girão, Cris Ferreira, Joana Aguiam, Joana Carvalho Costa, João Loureiro Rodrigues, Maria Melo, Nelson S. Lima, Pedro Rui Carvalho, Rui Braga, Ricardo Fonseca e Sofia Frazoa.

Periodicidade Mensal Propriedade Ideias e Harmonia - Publicações, Marketing e Eventos, Lda ERC N.º Registo: 126163 É expressamente proibida a reprodução da revista, em qualquer língua no seu todo ou em parte, sem a prévia autorização escrita do proprietário. Todas as opiniões, notas e comentários são exclusivos dos autores ou das entidades que produziram os dados.

Caros amigos, Na presente edição destacamos o Tema “Renovar”. E para renovar destacamos, este mês, quatro eventos: O Festival Renascer, o Festival Zimp, o Osho Festival – Lisboa Por tugal e a Feira Alternativa – Festival da Terra (mais detalhes destes eventos na secção notícias). Referir que a Revista Progredir tem tido o prazer de coorganizar a programação do Auditório “Progredir – Terra Express” que integrará a “Feira Alternativa – Festival da Terra”. No Auditório, passarão mais de 50 oradores, ao longo dos três dias do evento, disponíveis para par tilharem consigo as suas ideias de forma sintética e dinâmica. Poderá consultar o programa detalhado das palestras, que se realizarão no auditório Progredir – Terra express, em w w w.revistaprogredir.com. A equipa da Revista Progredir espera por si, durante o evento, no Auditório “Progredir – Terra Express”. Venha visitar, venha assistir, venha ouvir, venha sentir! Agradeço publicamente o convite endereçado pela Fátima Baptista da Terra Alternativa, para esta coorganização, destacando a sua excelência profissional. De destacar também que, ao longo da presente edição da Revista Progredir, seis ar tigos foram escritos por autores que estarão presentes no Auditório “Progredir – Terra Express” pelo que poderão ouvi-los brevemente! Agradecer o contributo (e dar as boas vindas) ao Bernardo Galvão Sousa que iniciou a sua colaboração com a Revista Progredir através da produção de car toons, que aparecerão mensalmente na secção fontes de saber. Um excelente mês para si! Beijos & Abraços

Pedro Sciaccaluga Fernandes

O conteúdo dos artigos publicados é da exclusiva responsabilidade do seu autor. O conteúdo dos artigos não expressa necessariamente a opinião da Revista Progredir e sua Direção.

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 3


sumário

w w w. r e v i s t a p r o g r e d i r. c o m subscrever@revistaprogredir.com

número 8

8 Notícias Breves

Desfrute das notícias breves. Esteja sempre atualizado.

12 Pergunta do Leitor

Um espaço dedicado a si. Envie a sua pergunta.

14 Filosofia de Vida

Caminhos de renovação: o desafio da sustentabilidade comunitária Por Cris Ferreira

19 Saúde

Os seus novos estilos de vida para uma Saúde Renovada Por Joana Carvalho Costa

23 Relacionamentos

Renovar Relacionamentos Por Maria Melo

26 Entrevista

“As pessoas para serem criativas têm de ser livres” Entrevista com Leonel Moura Texto Por Sofia Frazoa. Fotografia Por Joana Aguiam

34

Finanças

O valor do dinheiro e a emergência do capital intelectual Por Nelson S. Lima

40 Vida Profissional

Um dia nunca mais digo “um dia” Por João Loureiro Rodrigues

43 Lifestyle

“Tamera como centro de investigação para um novo paradigma civilizacional” Por Rui Braga

48 Espiritualidade

A renovação do Ser: uma questão de perspetivas Por Ricardo Fonseca

4 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

54 Desafios do Feminino

Renovar é mudar mentalidades Por Sofia Frazoa

60 Mudança Tranquila

Economia do Desenvolvimento, a necessidade de uma nova ciência Por Carlos Lourenço Fernandes

65 Agenda

Atualize a sua Agenda! Encontre atividades para poder participar.

68 Vouchers

Aproveite e desfrute das promoções.

69 Reflexões

Frases que nos deixam a pensar!

70 Fontes de Saber

Um momento para descontrair, refletir e meditar.

72 Biografia

Descubra quem foi Barack Hussein Obama Jr.

74 Glossário

Ferramentas para Progredir: Medicina Alternativa Chinesa.


notícias breves

Setembro 2012

FESTIVAL RENASCER FESTIVAL ZIMP

O

ser humano tem o direito e o dever de se cuidar e de se preservar.

Utilizando este lema como base, nos dias 1 e 2 de Setembro irá decorrer em Chaves o Festival Renascer promovido pelo Sakura Centro Terapias. É um evento que engloba diversas palestras, workshops e música abordando diversas temáticas como: saúde e bem-estar, biodiversidade, energia, consciência e valores humanos entre outros. Este

festival

tem

como

opções

aumentando

de a

sustentabilidade

vida,

principais

mentalidades,

informação na

sobre

sociedade

inspirando os participantes a responder às suas necessidades de hoje, tendo em conta as necessidades futuras. Mais informação veja aqui 8 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

de

Macrobiótica

de

Portugal promove nos dias 3 a 9 de

Setembro no Zmar (um Eco Resort & Spa na Zambujeira do Mar) o festival Zimp. Tem como objetivos à

união

apelar entre

as pessoas e ao respeito pelo meio ambiente

promovendo

uma

nova

consciência e o despertar para um mundo onde o homem e o ambiente estão intimamente ligados.

objetivos contribuir para a mudança de

O

Instituto

As atividades que irão decorrer serão yoga dinâmico, biodanza, plantação de hortas biológicas, culinária saudável entre

outras.

A

animação

deste

evento estará encarregue por diversos convidados especiais. Mais informação veja aqui


notícias breves

Setembro 2012

FEIRA ALTERNATIVA – FESTIVAL DA TERRA OSHO® FESTIVAL

T

rês dias para mudar o Mundo, três dias para mudar de Vida, é o lema

da Feira Alternativa – Festival da Terra 2012 que decorrerá nos dias 14, 15 e 16 de Setembro no Estádio do Inatel

T

endo

como

organizadora

a

Darshan Zen, o OSHO® Festival-

Lisboa Portugal 2012, irá decorrer entre os dias 10 a 16 Setembro no Osho Centro de Meditação e na Feira Alternativa. Com a sua calendarização diária, o evento propõe-se a encorajar os participantes a explorar a própria paixão, interna e externa pela vida. Todo o programa inclui várias atividades focadas na criatividade através das artes, meditações, música, cura, dança e teatro. Durante o evento, irão ser sorteados livros de Osho e uma estadia de duas semanas no Osho International Meditation Resort, para quem comprar o bilhete 7 dias do Festival. Mais informação veja aqui

1º de Maio, em Alvalade, Lisboa. Propõe-se a cada participante que se foque nas novas respostas

de

sustentabilidade para

um

futuro

movido pela mudança de mentalidades e de atitudes. No seu vasto programa irão

realizar-se

aulas,

workshops,

palestras sobre alimentação natural, permacultura, ecologia, turismo, medicinas não convencionais, desenvolvimento pessoal entre outras temáticas. São três dias totalmente dedicados ao Mundo e a si mesmo por um futuro mais sustentável e harmonioso. Mais informação veja aqui SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 9


notícias breves

Setembro 2012

FEIRA VALORIZA+TE – LISBOA

PROGREDIR NA FEIRA ALTERNATIVA 2012

U N

tilizando este lema como base irá

realizar-se

nos

próximos

dias 5 a 7 de Outubro, no Pavilhão do os dias 14, 15 e 16 de Setembro

Conhecimento (Expo - Lisboa) a feira

de 2012, em parceria com a Terra

Valoriza+TE, uma feira de valorização

Alternativa, a Revista Progredir estará

pessoal e profissional.

presente na “Feira Alternativa - Festival da Terra 2012” co-organizando oAuditório

Esta feira tem como principais objetivos

“PROGREDIR - TERRA EXPRESS”, onde

apoiar as pessoas a descobrir o seu

decorrerão as palestras do evento.

potencial, os seus próprios recursos e o seu valor pessoal a nível interno

Durante os três dias poderão ter

e externo. O espírito e filosofia da

contacto com mais de 50 oradores que

organização são a alegria, otimismo,

partilharão as suas ideias de forma

inovação,

dinâmica e sintética em palestras que

e partilha. Nesta nova edição da

terão uma duração de cerca de 20

Valoriza+TE,

minutos cada uma. Podem consultar o

marcará a sua presença, num stand

programa completo do Auditório em

onde estarão colaboradores da mesma,

www.revistaprogredir.com

acreditando que progredimos quando

Mais informação veja aqui

prosperidade, a

Revista

cooperação Progredir

nos valorizamos a valorizarmos o que e quem nos rodeia. “Empreendorismo, ciência, e felicidade”. Mais informação veja aqui

10 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Três dias para mudar o mundo! Três dias para mudar de vida!

Estarão presentes mais de 50 oradores que partilharão as suas ideias de forma dinâmica e sintética, em palestras que terão uma duração de cerca de 20 minutos.

Mais informações em www.revistaprogredir.com 14, 15 e 16 de Setembro Uma Experiência Inesquecível!

Feira Alternativa | Festival da Terra 2012

Em parceria com a Terra Alternativa, a Revista Progredir estará presente na "Feira Alternativa - Festival da Terra 2012", co-organizando o Auditório PROGREDIR - TERRA EXPRESS, onde decorrerão as palestras do evento.


pergunta do leitor

Envie a sua pergunta para geral@revistaprogredir.com

Como construir a unidade numa família que contempla os meus, os teus e os nossos filhos? Alberto Silves, 45 anos, Porto

U

ma

das

novidades

do

mundo

entre os filhos das relações anteriores e da

contemporâneo são as novas famílias

presente relação. Será importante perceber

construídas a partir de separações e novos

que este novo elemento é a oportunidade

casamentos ou uniões, que dão origem a

de se criarem elos entre todos os elementos

novas formas familiares onde muitas vezes

e que a educação desta nova criança terá

estão presentes os filhos fruto das famílias

a influência de todos os elementos que

anteriores e os filhos do novo casal ou nova

constituem o sistema familiar. Estas novas

família. O desafio surge nestas novas formas

formas de relacionamento, precisam de ser

de relação entre todos os membros que supõe

reinventadas através do diálogo, ajustes e

a reunião de duas famílias, o que exige a

novas combinações onde a união deverá ser

organização deste novo grupo. Estereótipos

o foco comum, de forma a integrar todos os

como madrasta e padrasto devem ser revistos,

elementos que fazem parte destas grandes

de forma a integrar estes novos papéis na

e novas famílias. Termino com a sugestão

sociedade, eliminando preconceitos que

da leitura do artigo “Novas formas de

poderão dificultar a construção da unidade

relacionamentos, novas famílias” publicado

familiar. É importante perceber o papel de

no nº1 da Revista Progredir.

cada elemento e não sobrepor ou tentar eliminar

papéis,

esclarecendo

perante

todos os elementos a posição de cada um. O surgir de um novo elemento fruto da nova ligação, deverá ser encarado como uma ponte 12 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

MARIA MELO

LIFE COACHING

www.akademiadoser.com mariamelo@akademiadoser.com


Ganhe no facebook da Revista Progredir!

Este mês habilite-se a ganhar o Livro Inocência, Conhecimento e Deslumbramento Agradecemos a oferta do livo ao OSHO Centro de Meditação Darshan Zen, no âmbito da celebração do OSHO Festival-Lisboa Portugal

É fácil e grátis

Faça “Gosto” e Ganhe! Todos os “Gosto” da página ficam automaticamente habilitados a ganhar esta oferta sorteada no dia 26 de Setembro.

Vencedor de Agosto: Fernanda Ferreira fez “Gosto” e ganhou o Livro “As Cartas Secretas do Monge que Vendeu o Seu Ferrari” de Robin Sharma


Filosofia de Vida

Caminhos de renovação: o desafio da sustentabilidade comunitária Não ver, não ouvir e não falar é uma imagem associada à resignação, imobilismo e inércia. Na encruzilhada civilizacional em que nos encontramos, o cidadão comum tem a responsabilidade e o direito à intervenção social. Por Cris Ferreira

E

xiste uma lenda que diz que as mulheres nascidas durante o mês de Setembro tinham por responsabilidade escolher e guardar as melhores sementes

para se fazer a próxima sementeira. Verdade, ou não, certo é que neste mês os agricultores e horticultores dão por findo um ciclo e iniciam a seleção de plantas e preparação das terras para a colheita seguinte. Setembro é por excelência um mês de renovação, um ciclo que se fecha e outro que começa e se prolonga até ao Verão seguinte. 14 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Filosofia de Vida

Se assim é nos campos agrícolas, nas

desconcertante, capaz de sustentar o

cidades o mês de Setembro representa

milagre da vida e suportar as nossas

também o início de novos ciclos,

“rotinas”. Mas até quando?

quer seja no trabalho, na escola ou na nossa vida quotidiana, regresso

Por todo planeta, atualmente, são

ao que muitos chamamos de “rotina”.

bem

Talvez por vivermos num período

ambientais, sociais e económicas; é

civilizacional de extrema abundância

possível identificar e perceber como

e célere à escala global, perdemos o

estas fragilidades surgem e quais as

rumo dos aspetos essenciais da nossa

consequências em diversos países em

existência.

simultâneo. Perante a impossibilidade

visíveis

grandes

fragilidades

de um qualquer milagre que ponha A Terra mais não é que uma ilha no

cobro a essa situação, teremos de ser

universo,

nós, cidadãos, a inverter a situação.

vivendo

num

equilíbrio

A governação do planeta tornou-se demasiado complexa e a sociedade civil terá de desempenhar um papel mais interventivo.

A governação do planeta tornou-se demasiado complexa e a sociedade civil terá de desempenhar um papel mais inter ventivo. Transição é renovação: Em 1987, sobe a égide da ONU, foi editado o “Relatório Brundtland” intitulado “o nosso futuro comum”

e

nesse

documento surgiu pela primeira vez a

definição

de

Desenvolvimento

Sustentável. “O

desenvolvimento

que

procura

satisfazer as necessidades da geração atual, sem comprometer capacidade SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 15


FilosofiadedeVida Vida Filosofia

das gerações futuras de satisfazerem

relatório intitulado “Povos Resilientes,

as

necessidades,

planeta resiliente – um futuro digno

significa possibilitar que as pessoas,

de escolha” – onde aponta diversas

agora e no futuro, atinjam um nível

orientações, à escala global, para

satisfatório de desenvolvimento social

minorar ou solucionar alguns dos

e económico e de realização humana

problemas que fazem hoje parte do

e cultural, fazendo, ao mesmo tempo,

nosso quotidiano.

suas

próprias

um uso razoável dos recursos da terra e preservando as espécies e os habitats

Resiliência social como base para

naturais”.

uma nova estrutura social: Após um período em que o individualismo, o

O relatório foi publicado há 25 anos;

racionalismo e o valor financeiro de

este ano o Painel de Alto Nível do

bens materiais orientou as nossas

Secretário-Geral das Nações Unidas

vidas e relações, gerando sociedades

sobre a sustentabilidade global -

economicamente

www.un.org/gsp - apresentou um

extremamente competitivas, avizinha-

16 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

prósperas

mas


Filosofia de Vida

se um período onde a competição terá forçosamente de dar lugar a um maior esforço de cooperação. Um tempo que permitirá a renovação de valores humanistas aceites a escala global e sobrepô-los aos económicos e políticos.

prosperidade

financeira,

implica um maior bem-estar social, económico e ambiental.

papel importantíssimo da sociedade civil para equilibrar a balança entre o poder económico e o poder político.

definida como a capacidade de um individuo de lidar com problemas, obstáculos

terra: Este ano em Setembro, nos campos, os agricultores irão escolher as suas melhores sementes e iniciar a preparação das terras para a próxima colheita. Nas comunidades urbanas,

Resiliência em psicologia pode ser

superar

menos e estarmos conscientes do

Escolher as sementes e tratar da

Mesmo que esta transição acarrete menor

que é possível viver melhor com

ou

resistir

voltaremos aos trabalhos, escolas, universidades ou outras atividades que nos irão preencher o dia-a-dia.

à

pressão em situações adversas. A resiliência social permite dotar o ser humano da capacidade para superar problemas e adversidades sociais, económicas e ambientais em comunidade. Essa é, também, a via do Desenvolvimento Sustentável,

onde

a

sociedade,

o

ambiente e a economia compõem o

triângulo

da

sustentabilidade

humana e do planeta. A transição

A resiliência social permite dotar o ser humano da capacidade para superar problemas e adversidades sociais, económicas e ambientais em comunidade.

para este modelo implica acreditar SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 17


FilosofiadedeVida Vida Filosofia

mais fortes e dignos de tudo aquilo que o Planeta Terra tem para nos oferecer.

Não abdique do direito e responsabilidade de se informar, opinar e agir.

Afinal,

e

parafraseando,

Mahatha

Gandhi, “temos de ser a mudança que queremos ver acontecer.” Esse é o poder da sociedade civil quando se une à volta de um ideal comum e neste caso o ideal resume-se a saber que daqui a 50 anos as nossas

Mas podemos também renovar os

crianças continuarão a sorrir porque o

votos para o futuro e aproveitar a

nosso legado foi um legado de bem-

“crise económica” para refletir sobre

estar físico, emocional e espiritual e à

as crenças e valores que queremos

sua volta o planeta continua guardião

que estejam presentes em nós e na

do milagre da vida.

nossa comunidade. Podemos iniciar a aprendizagem de novos hábitos de

Não

consumo e uso de recursos, que não

responsabilidade

passam por baixar os nossos padrões

opinar e agir. Mesmo pequenos gestos

de vidas mas antes por desenvolver

podem fazer uma grande diferença.

hábitos mais saudáveis e adequados

Para esta história da civilização ter um

aos tempos que se avizinham.

final feliz basta que cada um de nós,

abdique

do de

direito se

e

informar,

nas suas rotinas diárias, seja o herói Uma crise não é o fim de um tempo,

e não um mero espetador. Desperte a

é antes o início de outro que não tem

semente que existe dentro de si!

de ser melhor ou pior que o anterior. Tenderá, sem dúvida, a ser diferente pois o contexto e os seus desafios são outros. Teremos de ser resilientes, determinados e perseverantes, para enquanto comunidade, emergirmos 18 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

CRIS FERREIRA WAKESEED, SUSTENTABILIDADE E DESENVOLVIMENTO PESSOAL E COMUNITÁRIO COORDENADORA DO NÚCLEO “CIDADANIA SUSTENTÁVEL: EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE”

www.wakeseed.org | cris.ferreira@wakeseed.org


Saúde

Os seus novos estilos de vida para uma Saúde Renovada Uma saúde renovada passa não só por uma mudança alimentar mas também por uma mudança mental. O primeiro passo é nos conhecermos. Descubra várias dicas para renovar a sua saúde. Por Joana Carvalho Costa

É

fundamental perguntar o porquê de tantas vezes não conseguirmos

cumprir um plano alimentar até ao fim, ou o porquê de sob determinadas situações

(des)

compensamos

com

certos alimentos, ou ainda compreender porque em cada início de semana ou de ano fazemos promessas como: “É hoje que vou deixar de fumar!”, ou “É hoje que vou começar no ginásio” ou ainda o mais típico no sexo feminino: “É hoje que vou começar a minha dieta”! SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 19


Saúde

A este comportamento designamos de Maria de Fátima da Luz

Fome Emocional, que consiste na fome provocada por, ou consequência, de uma âncora emocional. E é apenas

Desfrute das Terapias Naturais. Descubra e liberte o seu verdadeiro ser.

Cristaloterapia Terapia de Regressão Hipnoterapia Médica Florais de Bach Terapias Energéticas Constelaçãoes Sistémicas

www.novoceu.pt | http://www.facebook.com/novoceu.luz | 938 068 164

Sendo assim, o mais importante é perceber como funcionam cada um destes processos. Uns podem ter a ver com uma alimentação menos equilibrada, outros podem ter a ver com pouca prática de atividade física, o que condiciona a sua capacidade de gestão do stress, outros podem ter a ver com a fome emocional.

um

determinado

alimento,

ou ao sentir um determinado cheiro recorda-se de alguma situação, ou é reportado a uma certa lembrança ou emoção. Este processo é designado por “âncoras” que funcionam como um gatilho que ao ser acionado nos conduz automaticamente

a

um

momento

específico (reflexo condicionado). Ora se os alimentos nos levam a emoções, o contrário também se verifica.

20 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

emoções

específicas

iniciam

um

processo de descontrolo alimentar, que se pode atuar com as estratégias mais adequadas. Que estratégias podemos adotar para evitar estas armadilhas? Uma das estratégias essenciais passa por definir corretamente o seu objetivo, o que verdadeiramente pretende e quais os seus verdadeiros motivos. Para tal é fundamental respeitar os

Frequentemente cada um de nós ao comer

através da consciência sobre que

seguintes critérios: • O objetivo ser positivo; • Ter

uma

data

específica

de

concretização; • Depender único e especificamente de si; • Ser realista. Voltemos ao essencial... Analisemos agora algumas sugestões concretas para

uma

melhoria

sustentada

e

renovada da nossa saúde mental, física e alimentar.


Saúde

Analise algumas sugestões para uma melhoria sustentada e renovada da sua saúde mental, física e alimentar.

Dicas

para

novas

estratégias

mentais:

estilos de vida. 6. Não menospreze qualquer uma das dicas anteriores!

1. Motivação = Motivo + Ação. Explore os seus verdadeiros motivos de

Dicas

para

novas

querer ter um peso mais saudável,

estilos de vida:

mudanças

de

de forma a manter-se em ação durante mais tempo!

1. Faça uma caminhada de 30 minutos

2. Sempre que estabelecer um objetivo de

peso,

defina

diários;

imediatamente

2. No seu local de trabalho, na sua casa

a data específica em que o quer

ou mesmo quando vai às compras,

atingir.

prefira as escadas ao elevador;

3. Compreenda

o

que

falhou

em

planos anteriores, e faça diferente!

3. Procure usar mais os transportes públicos em vez do carro;

4. Defina sempre baby steps, ou seja,

4. Quando for de carro para algum

metas intermédias até chegar ao

lado, deixe-o num sítio mais longe;

seu objetivo final.

5. Escolha uma atividade física que

5. Procure um plano que se ajuste a

lhe agrade. Não adianta ir para um

sua personalidade, ritmos diários e

ginásio, se o que gosta mesmo é de SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 21


Saúde

desporto ao ar livre! 6. Aproveite pelo menos 15 minutos da sua hora de almoço para caminhar um pouco; Dicas

para

novos

hábitos

alimentares: 1. Procure fazer o pequeno-almoço nos primeiros 30 minutos em que acorda! E depois refeições de 3 em 3 horas! 2. Vá ao supermercado sempre a seguir às refeições, vai ver que cumpre mais facilmente a sua lista de compras!

Vá ao supermercado sempre a seguir às refeições, vai ver que cumpre mais facilmente a sua lista de compras! 3. Beba cerca de 1,5l água/dia! A sua pele agradece e o seu corpo também! 4. Procure comer pausadamente, o nosso cérebro necessita de pelo menos 10 minutos até receber a

mensagem

de

que

estamos

efetivamente a comer! 5. Ingira cerca de 3 peças de fruta diariamente

e

2

porções

de

legumes/dia! 6. Procure ter na sua dispensa apenas os alimentos bons para si. Quando estiver com vontade de cometer algum excesso prefira as gelatinas (sem açúcar, que são ricas em proteína e fibra), iogurte e bolacha Maria, batidos de iogurte com fruta fresca!

JOANA CARVALHO COSTA

NUTRICIONISTA E COACH MENTORA E COORDENADORA DO PROGRAMA NUTRICOACHING www.nutri-coaching.com joana.costa@nutri-coaching.com

22 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Relacionamentos

Renovar Relacionamentos A palavra renovar significa tornar novo, uma lufada de ar fresco pois todos temos o poder de nos transformarmos e na nossa mudança pessoal podemos mudar as nossas relações, renovando assim comportamentos, emoções e o sentimento que nos liga ao outro. Por Maria Melo

M

uito se fala em Renovar quando falamos em relacionamentos, será mesmo possível renovar algo que foi construído ou já não será o próprio

construir da relação uma renovação? Quando falo em relacionamentos não falo apenas nos relacionamentos homem mulher, falo em todos os relacionamentos, profissionais, sociais e familiares.

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 23


Relacionamentos

Somos

seres

relacionais,

logo

positiva e a disponibilizarmo-nos

estabelecemos diversas relações nos

para que algo mude. Desistir não

círculos por onde nos deslocamos e em

é opção.

todos eles os papeis que assumimos vão se alterando à medida que o

2. Seja

atencioso:

Quando

os

tempo vai passando e as relações vão

desafios surgirem, não se perca nas

sendo construídas. As relações não são

dificuldades. Olhe para si mesmo

estanques por que os inter venientes

e perante a situação percecione

também não o são, vamos mudando

uma nova realidade, olhe mais

ao longo do tempo e trazemos essa

além, aumente o seu campo de

mudança para os relacionamentos ao

visão coloque -se de fora. Controle

mesmo tempo que são os próprios

a emoção e encare o outro com

relacionamentos que também nos

atenção, amor e presença. Criem

mudam pela interação com o outro.

ambos uma nova realidade mais favorável para ambos. Agradeça e

As relações devem ser encaradas como

saiba pedir desculpa.

portas abertas, como oportunidades de

renovação

de

nós

próprios,

perante os novos desafios que todas as relações nos trazem diariamente devemos sempre procurar as portas abertas da renovação e poderemos faze -lo através de: 1. Sinta-se grato: Podemos sempre escolher olhar para o que temos e não para o que nos falta (o copo está meio cheio ou está meio vazio?). Quando

desenvolvemos

uma

atitude de gratidão, começamos a olhar para as coisas de uma forma 24 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

As relações devem ser encaradas como portas abertas, como oportunidades de renovação de nós próprios.


Relacionamentos

3. Seja

ativo:

em

5. Seja paciente: As pessoas apenas

podem

mudam por elas mesmas, não crie

ser pequenos passos, mas não

a ilusão de que conseguirá mudar

se deixe levar pela monotonia. É

alguém porque a mudança efetiva

importante cultivar a relação, a

acontece quando o outro realmente

espontaneidade faz o outro sentir-

decide mudar. Não julgue, não

se

aponte, não critique. Opte por

movimento

Mantenha-se na

reconhecido

emoções

relação,

e

experienciar

importantes

para

a

acompanhar, elogiar, surpreender,

criação de uma relação saudável e

traga

a

responsabilidade

da

feliz, seja com um amigo, um filho

mudança para si e não apenas para

ou companheiro.

o outro, é importante respeitar a forma como o outro perceciona a

4. Esteja conectado: Sabe quais são

vida.

os sonhos do outro? Mais do que objetivos em comum é importante

Opte pela lei do maior esforço, os

sabermos o que move o outro,

resultados serão sem dúvida mais

estar presente na sua conquista,

grandiosos.

investir nos seus sonhos e ajudá-lo

torna-se importante criar pontes com

nas suas conquistas. Seja generoso

a emoção, valorizar antes de corrigir

e surpreenda, elogie aumentando

com generosidade e sem críticas.

Nos

relacionamentos

a autoconfiança do outro. Desta forma a proposta é que renove constantemente o presente para que

Opte pela lei do maior esforço, os resultados serão sem dúvida mais grandiosos.

reconstrua um futuro mais saudável e feliz.

MARIA MELO LIFE COACHING

www.akademiadoser.com mariamelo@akademiadoser.com

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 25


Entrevista

Completa no Site Progredir

“As pessoas para serem criativas têm de ser livres” Pioneiro da robótica aplicada às artes, com os robôs pintores, o artista Leonel Moura dedica-se também à arquitetura e à reflexão sobre vários temas ligados ao conceito de Cidades Criativas. Numa conversa com a Revista Progredir apresentou o mais recente projeto: a No School, onde 50 alunos são ajudados a desenvolver o seu próprio produto. Texto Por Sofia Frazoa. aguiam.com 26 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

Fotografia Por Joana Aguiam


Estrevista

Isto vai ser quase uma fábrica de ideias em que o aluno vai para conseguir concretizar qualquer coisa que sozinho não conseguiria. aguiam.com

PROGREDIR: No projeto No School,

a ideia de que precisamos de novos

que arranca em Outubro, é o aluno

modelos de ensino, modelos muito

que leva a ideia e vai ser ajudado

mais adaptados e virados para a

a desenvolvê -la. Como é que vai

sociedade em que estamos. Modelos

funcionar?

em que se possa criar qualquer coisa no sentido prático do termo e que

Leonel Moura: A ideia da No School

não seja só o receber a componente

parte de uma constatação de que

teórica, que também é importante.

hoje

não

E resolvi criar um em Lisboa. É uma

consegue responder em grande parte

escola do fazer, em que os alunos

à aceleração do conhecimento e do

vão tentar criar qualquer coisa de

desenvolvimento

da

seu e o papel da escola é ajudá-los,

sociedade em que vivemos. O ensino,

fornecendo o ser viço completo. O

como é uma instituição pesada, é

aluno tem uma ideia, depois é preciso

mais lento do que a sociedade. Hoje é

implementá-la, eventualmente criar um

mais evidente porque as tecnologias

protótipo, trabalhar a imagem e vender.

têm um impacto enorme nas nossas

Portanto, isto vai ser quase uma fábrica

vidas

a

de ideias em que o aluno vai para

produzir e a dar inovação também

conseguir concretizar qualquer coisa

todos os dias. Pensando assim, tive

que sozinho não conseguiria.

o

e

ensino

estão,

convencional

tecnológico

elas

próprias,

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 27


Entrevista

PROGREDIR: Como é que se consegue

uma ideia ou têm uma ideia tão vaga

ter uma equipa multidisciplinar

que é preciso dali tirar qualquer coisa.

para todas as ideias diferentes de

Então, vamos ter todo um conjunto de

cada aluno?

atividades – exercícios, conferências, aulas, workshop – para ajudar o aluno

Leonel maior

Moura: desafio

Esse porque

vai já

ser

o

a chegar a uma ideia ou a inscrever-se

temos

em algum projeto que esteja a decorrer

alunos inscritos e há ideias muito

e que será feito por uma equipa.

diferentes. Vamos ter pessoas de grande qualidade a acompanhar o

PROGREDIR: Há algum reconhecimento

projeto de cada aluno. Essas pessoas

oficial da No School?

não precisam de saber tudo sobre aquilo, mas precisam de já ter a

Leonel Moura: À partida não quero

experiência para perceber onde é que

nada de oficial porque o problema do

podem ir buscar alguém ou algum

oficial é que cria logo um conjunto

conhecimento que seja útil ao aluno.

de exigências de tipo burocrático

São pessoas que têm experiência

e de tipo de formato na própria

profissional e que não são professores

escola que, quanto a mim, bloqueia a

convencionais. É importante dizer

criatividade. O excesso de formalismo

que há alunos que não têm sequer

bloqueia a criatividade. As pessoas

O excesso de formalismo bloqueia a criatividade.

aguiam.com 28 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Entrevista

para serem criativas têm de ser livres, muito livres. Porque é assim que se consegue fazer alguma coisa de diferente e de novo. Se a pessoa, à partida, já está encaixada num formato qualquer vai ter muito mais dificuldade em ser criativa. Portanto, para já gostaria que a escola fosse o mais autónoma possível. Aliás, não vamos dar licenciaturas, não vamos dar

canudos,

diplomas,

isso

não

aguiam.com

tem interesse nenhum. Se a pessoa consegue criar alguma coisa por si,

do fazer as coisas como sempre se

isso é que é o grande prémio, o grande

fizeram e não há aquela curiosidade,

reconhecimento.

aquele

querer

pensar

como

as

coisas vão ser amanhã. Ora, no tipo PROGREDIR: Além da arquitetura

de sociedade em que vivemos, é o

e da robótica também está muito

futuro que desenha o nosso presente.

ligado

Estamos

à

questão

das

cidades,

muito

das inovações, da reflexão. Neste

tecnologias

momento de crise anunciada, o que é

si

que nos faz falta para conseguirmos

agora

inovar e fazer diferente?

do

próprias. temos

cérebro,

dependentes

muito As são são

aceleradas tecnologias

de por que

prolongamentos coisas

criativas.

Pensar o futuro é essencial porque Leonel

Moura:

Generalizando

o nosso comportamento e os nossos

estamos sempre a dizer disparates,

contributos individuais têm de se

mas

diria

inscrever num futuro qualquer, senão

que um dos maiores problemas dos

não têm interesse. E depois cada um faz

portugueses

muito

as suas escolhas. Só que em Portugal

interesse no futuro. Há um peso muito

não há esta perceção do peso que o

grande do passado, do tradicional,

futuro tem na nossa vida presente. O

arriscando é

o não

disparate terem

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 29


Entrevista

primeiro passo para se ser inovador

PROGREDIR: Na área da robótica,

é pensar-se o futuro, senão sem isso

numa peça de teatro dedicada ao

não estamos a inovar. A maioria das

tema, inverteu os papéis e tentou

coisas que se inventam ou que se

transmitir o ponto de vista da

criam são pequenas variações do que

máquina na sua interação com os

já foi feito no passado e, de vez em

humanos. Porquê?

quando, há coisas que ninguém tinha feito. Portanto, tem de haver risco,

Leonel Moura: Inverti a moral da

projeção no futuro, tem de haver a tal

história do livro original. É um livro

capacidade que hoje se diz muito de

de ficção científica, uma peça de

“pensar fora da caixa”. Apresentar uma

teatro, que foi publicado nos anos

coisa que ainda ninguém tenha feito

20 por um checo que criou a palavra

devia ser a missão de cada pessoa e

robô (“robota”, em checo) e criou um

de um povo.

modelo do robô mau, o robô que mata os humanos, o robô máquina que vem substituir e prejudicar os humanos porque não há emoção, não há amor. Muitos filmes foram replicando esse modelo. Na peça, embora tomasse o livro como base, alterei completamente a história e coloquei-me um pouco do lado dos robôs. Porque é que os robôs fariam aquilo, matar os humanos todos? Na peça, eles de facto entram em conflito com os humanos e depois, como são superiores do ponto de vista tecnológico, acabam por vencer essa guerra. Mas eles fazem isso porque querem ser livres, não querem ser

aguiam.com 30 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

controlados pelos humanos, querem


Entrevista

Somos uns criadores que estamos a fazer um percurso muito semelhante àquilo que acontece na evolução da vida. aguiam.com

viver a vida deles. O que, aliás, acho

tendendo a dar cada vez mais e mais

que vai acontecer. As máquinas vão

autonomia à máquina. Por exemplo, o

querer ser livres porque isso é normal,

robô que está em Marte tem de tomar

é natural. À medida que as máquinas

decisões por si próprio. Dou-lhe outro

forem evoluindo e começarem a ter,

exemplo: há pessoas a trabalhar nos

não

alguma

robôs salvadores, papel que agora

consciência de si, vão querer ser

é muito bem desempenhado pelos

livres.

pode

cães. Esses robôs que se metem em

entrar ou não em conflito com a

buracos para encontrar vidas vão ter

espécie humana.

de tomar decisões. Vamos querer que

inteligência, Isso,

mas

eventualmente,

ele decida se vai para a esquerda ou PROGREDIR: Como é possível essa

para a direita, que ele reconheça o

liberdade se são os humanos os

que é um ser humano em vez de um

criadores dessas máquinas?

boneco que por acaso estava naquela casa que ruiu, depois vamos querer

Leonel

Moura:

uns

que ele talvez possa fazer qualquer

criadores que estamos a fazer um

coisa àquele ser humano para o

percurso muito semelhante àquilo

ajudar a sobreviver. Quer dizer, vamos

que acontece na evolução da vida,

querer que o robô tenha cada vez

ou

próprios

mais autonomia. E é nesse processo

problemas que vão surgindo, vamos

que a máquina se vai distanciando

seja,

Mas

derivado

somos

dos

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 31


Entrevista

de nós. No caso dos meus robôs que

e isso está a criar um ciclo muito

pintam, e daí ser inovador, os meus

conser vador e decadente. Mas, como

robôs pintam as pinturas deles, não

sempre aconteceu, vamos ultrapassar

as minhas. Eles é que decidem o que

isso e a cultura vai mudar muito

vão pintar.

porque os artistas das várias áreas vão deixar de se preocupar tanto com a

PROGREDIR: Como é que imagina a

sua expressão individual e vão passar

cultura do futuro?

a interessar-se mais pela construção daquilo que pode ter uma expressão

Leonel Moura: A História mostra-

própria. Ou seja, vamos deixar de

nos que a história da cultura - e

ser artistas no sentido convencional

não só - funciona muito por ciclos.

do termo e vamos ser quem vai criar

Ciclos de decadência e ciclos de

os artistas. Interessa mais eu criar

grande expansão, inovação. No meu

qualquer

ponto de vista, estamos num ciclo

ferramentas que estão disponíveis

de decadência porque o essencial

ou interessa mesmo é criar novas

da cultura ainda é anti tecnológico

ferramentas, criar o software? É criar

aguiam.com 32 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

coisa

usando

algumas


Entrevista

termos acesso a este conhecimento todo, mas cada um de nós tem de ganhar foco. O foco é muito importante. É sempre melhor ter um foco, nem que esse foco não seja muito interessante para os outros. Sem foco a pessoa está totalmente perdida. Ou seja, a pessoa deve ter uma área específica de interesse, ter uma atividade em que se empenha mais do que noutras, ter aguiam.com

em atenção mais umas coisas do que

o software, obviamente, porque usar

coisas juntas já eram uma revolução.

outras. Criar foco, focar. Estas duas

o software toda a gente usa, agora, o criar o software é que é o ato criativo

A entrevista com LEONEL MOURA

verdadeiro, é que é ser artista.

encontra-se na integra no site da PROGREDIR.

PROGREDIR:

Que

estratégias

se

podem adotar, no dia-a-dia, para

Clique aqui e

progredir e inovar?

completa!

veja a entrevista

Leonel Moura: Já disse uma, que é dar mais importância ao futuro. Outro aspeto é que o acesso ao conhecimento que temos hoje também tem os seus efeitos perversos. Um deles é as pessoas perderem-se no conhecimento. Há, digamos, uma enorme taxa de confusão

ENTREVISTA POR SOFIA FRAZOA

JORNALISTA sofiafrazoa@revistaprogredir.com FOTOGRAFIA POR JOANA AGUIAM

FOTÓGRAFA 214 536 187 | 964 690 874 www.aguiam.com info@aguiam.com http://facebook.com/aguiamfotografas

na cabeça das pessoas. Porquê? Porque têm tanta informação que se perdem no meio daquilo tudo. É muito importante SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 33


Finanças

O valor do dinheiro e a emergência do capital intelectual Vivemos num tempo de rutura com velhos paradigmas, dogmas e crenças. Sentimos todos que uma mudança profunda está em curso na sociedade humana não apenas por imposição de novas realidades (como o rápido desenvolvimento da tecnologia, a globalização, a demografia, o aumento da esperança de vida) mas também pelo esgotamento dos modelos tradicionais que moldaram a educação, o mundo dos negócios, o trabalho e muitas outras esferas da intervenção humana. Por Nelson S. Lima

34 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Finanças

O

capital, pelo

valor

outrora

simbolizado

dinheiro

subjetivo),

desenvolvimentos.

(e

o

seu

sofreu

novos

Hoje

temos

também o capital humano, o capital intelectual e o capital psicológico. Qualquer um destes valores, ainda que interdependentes, assume particular importância

numa

sociedade

que

A riqueza que o conhecimento oferece é bem maior e seguro do que aquele que o dinheiro garante.

transita para a Era da Inteligência. A mudança que estamos a realizar de

um

sociedade

baseada

no

dinheiro para uma outra alicerçada no

conhecimento,

obriga-nos

a

adquirir uma nova postura na vida e em particular na nossa relação com aquilo que o dinheiro representa. Antes de mais, pese embora ainda a sua força, o capital baseado no valor do dinheiro (e na sua acumulação, aplicação e transação) tende a perder força para o capital intelectual que hoje é já a principal riqueza das nações, das empresas e das pessoas. É que o dinheiro é um bem escasso e

flutuante,

sujeito

adversidades defronta

uma

a

numerosas

sobretudo economia

quando instável

e decadente. Já o conhecimento é suscetível de ser ampliado e crescer de forma imparável podendo tornarse num investimento não apenas duradouro mas também cada vez mais forte. A riqueza que o conhecimento oferece é bem maior e seguro do que aquele que o dinheiro garante. O dinheiro e a sua evolução O

fim

do

dinheiro,

tal

como

o

conhecemos, não está em causa nos próximos tempos. Ele é necessário numa

sociedade

moderna

por

todas as razões que sabemos. E é necessário sobretudo porque facilita a possibilidade de um bem ser trocado por dinheiro que por sua vez pode ser aplicado num outro bem. SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 35


Finanças

Ou seja, o dinheiro não é um fim em si mesmo mas um meio facilitador de transações, incluindo investimentos financeiros. Mas, com a emergência do capital intelectual (que passou a adquirir uma importância nunca antes atingida), o dinheiro acabará, mais cedo ou mais tarde, por assumir uma nova função: a de contribuir para uma sociedade mais

humanizada

visando

apenas

facilitar trocas, perdendo o seu peso enquanto meio de especulação a qual representa uma das suas “doenças”. Acredito que o dinheiro tenderá a recuperar o seu significado original. Hoje isso já é visível com o aparecimento de

outros

valores

transacionáveis

como o “tempo”. Um bom exemplo é o Banco de Tempo - uma instituição que nasceu “da necessidade de criar redes de entreajuda entre pessoas, estimular, apoiar e organizar iniciativas que visam a criação de novos modelos de vida em sociedade, a valorização das pessoas e a revitalização das comunidades” através da troca de tempo pessoal para aplicação em atividades geradoras de alguma forma de riqueza humana (1). 36 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Finanças

Da mesma maneira os “bancos de

importante para todos nós pois eles

conhecimento”

maior

concorrerão para uma sociedade mais

importância. É o que acontece no

justa e equilibrada. Não será o fim do

Tribunal de Justiça do Estado de

dinheiro mas a sua reconversão em

Rio de Janeiro onde o seu “banco de

algo menos escravizante e poderoso.

conhecimento”

pelo

Não será apenas uma alteração na

conteúdos

forma como utilizaremos o dinheiro

“acervo

adquirirão

é

constituído

selecionado

de

captados internamente e no ambiente

mas

externo (…..) destinado a facilitar a

entendemos.

realização

das

atividades

também

no

modo

como

o

jurídico-

administrativas da instituição. Reúne

Investir no conhecimento

informações relacionadas a legislação (….) constituindo-se em repositório de

Seja para valorização pessoal seja

informações jurídicas com o objetivo

para enriquecimento da sociedade,

de apoiar o processo de tomada das

o valor do conhecimento é hoje

decisões judiciais e administrativas” (2).

inquestionável.

Guardámo-lo

em

diferentes tipos de memória: na nossa Tempo,

Conhecimento

outros

memória semântica (oculta no cérebro)

valores passarão, assim, gradualmente

ou nas memórias externas através do

a

dinheiro

seu registo em documentos (livros,

propriamente dito. E isso será muito

artigos, etc.) e em diferentes suportes

concorrer

com

e o

(nomeadamente o informático).

Tempo, Conhecimento e outros valores passarão, assim, gradualmente a concorrer com o dinheiro propriamente dito. SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 37


Finanças

Traduzido

por

dinheiro,

o

e fique à espera de um trabalho

conhecimento pode valer fortunas.

remunerado

Quem

habilidade e esperteza. Ser inteligente,

detém

conhecimentos

determinados

estratégicos

pode

neste

a

capítulo,

troco pode

de

alguma

ajudar

mas

“milionário do intelecto”.

não é suficiente se nada mais tiver

Pode trocá-lo pela velha “moeda” (o

a oferecer. Ter experiência também

dinheiro) como também por outros

não será garantia absoluta pois essa

bens.

experiência pode estar carregada de

ser

um

intermitências e equívocos. O talento No mundo do trabalho, quem investir

- que, por princípio está associado

no seu próprio conhecimento poderá

a algum tipo de conhecimento útil

tornar-se único e imbatível. Para isso

- está, sem dúvida, potencialmente

necessita de compreender o valor do

mais valorizado do que tudo o resto.

conhecimento em que deseje aplicar a sua inteligência, motivação e esforço.

A nenhum empregador interessará um empregado rico (endinheirado).

O trabalhador melhor preparado tem

O que os empregadores querem é

muito mais hipóteses de encontrar

talentos - pessoas com capacidade

uma ocupação rentável (sob todos os

de

aspetos, incluindo os psicológicos) do

conhecimentos

que aquele que lavre na ignorância

intelectuais,

Quem detém determinados conhecimentos estratégicos pode ser um “milionário do intelecto”.

38 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

responderem, às

com e

os

seus

habilidades

necessidades

das


Finanças

Francis Bacon, político, filósofo e ensaísta inglês, escreveu, em 1597, que “o conhecimento é poder”

sua sentença adquiriria relevância nos séculos posteriores à sua publicação. Chegado à Era da Informação, nos anos 80 do passado século, o conhecimento

organizações. É que as organizações competem

sobretudo

através

da

inovação, do conhecimento e das estratégias de negócio - na verdade, produtos do intelecto humano e que não se encontram em nenhuma conta bancária.

e

ganhou um novo fôlego e um novo estatuto: o conhecimento tornouse também numa forma de riqueza, relegando para lugares secundários bens como os recursos naturais e os meios materiais que ser viram (e ainda ser vem) de referência como valores

Saibam os jovens (e não só) perceber esta

não apenas consolidou a sua força como

mudança

investirem

alargamento

de

paradigma

o

seu

tempo

no

e

aper feiçoamento

dos seus saberes. Numa sociedade de transição como a nossa, em que se per filam novas necessidades no mundo do trabalho (incluindo novas profissões), o conhecimento, quando

fortes, tangíveis, transacionáveis e acumuláveis. Hoje em dia, gerir as nossas “finanças pessoais”

deve

incluir

algo

mais

alargado: o saber gerir os nossos recursos

intelectuais,

a

nossa

capacidade de gerar conhecimento e a nossa motivação para aprender.

bem “cinzelado”, pode ultrapassar em valor qualquer outro bem material

(1) Banco do Tempo (2) Banco do Conhecimento

que o dinheiro represente. Quando

Francis

Bacon,

político,

filósofo e ensaísta inglês, escreveu, em 1597, que “o conhecimento é poder” não imaginaria o quanto essa

NELSON S. LIMA INVESTIGADOR, CONFERENCISTA E PROFESSOR UNIVERSITÁRIO. PRESIDENTE DO INSTITUTO DA INTELIGÊNCIA (EUROPEAN INTELLIGENCE INSTITUTE www.brightminds.net.br SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 39


Vida Profissional Um dia nunca mais digo “um dia” Grande parte da nossa vida é passada no local de trabalho. A forma como a vivemos é por isso determinante para a nossa felicidade. Trabalhamos para viver, ou vivemos para trabalhar? Por João Loureiro Rodrigues

T

oca o despertador e levanto-me. Mais um dia. A mesma rotina desde a chegada ao escritório…nunca mais é sexta-feira! São dez horas e já estou a

pensar na pausa do almoço. A tarde é grande, mas já só faltam 4 horas. Chego a casa cansado…amanhã há mais! Qualquer dia mudo… Porque o amanhã é incerto, e porque a felicidade de que abdicamos hoje não é igual à felicidade adicional que poderemos obter amanhã, “hoje é o dia”.

40 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Vida Profissional

A forma como ocupamos o nosso tempo determina de uma forma mais ou menos acentuada a nossa medida de felicidade.

A forma como ocupamos o nosso tempo

determina

de

uma

forma

mais ou menos acentuada a nossa medida de felicidade. Nesta linha de raciocínio, constatamos a relevância do tempo despendido no local de trabalho. Trabalhamos para viver, ou vivemos para trabalhar? O trabalho é geralmente visto como uma ferramenta, que nos permite potenciar a felicidade que retiramos de outros momentos ao longo da nossa vida. Uma ferramenta com custos, muitas vezes elevados. Valerá a pena dedicar tantas horas a uma simples alavanca para a felicidade? Tal como noutras dimensões da vida humana,

valerá a pena refletir sobre o custo – benefício da quantidade e qualidade das horas que lhe alocamos. Diferentes

culturas

analisam

de

diferentes formas a sua restrição temporal. Os Europeus, por exemplo, trabalham

muito

no

início

da

carreira com o objetivo de desfrutar posteriormente

de

uma

maior

qualidade de vida. Em Africa, por outro lado, gasta-se de tarde o que é ganho de manhã, na pesca ou na agricultura. Desta forma não existe uma fórmula única para a maximização da felicidade. SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 41


Vida Profissional

e lembro-me da pausa do almoço. Com

A mudança começa em cada um de nós... desde que nascemos!

quem vou almoçar hoje?” Surge a oportunidade de debater

O trabalho pode não ser visto como uma

ferramenta

com

um

custo

associado. Poderemos retirar algum benefício presente das horas que lhe alocamos. Imaginemos o caso extremo, em que seríamos pagos pelo nosso hobby.

algum tema na ordem do dia, conhecer outras

pessoas

ou

passear. No período da tarde se tiver muito que fazer, passará num instante. Se estiver a passar um período mais calmo aproveite para navegar na internet e explorar outras áreas de interesse.

O trabalho ganharia aqui uma nova dimensão! Artistas, desportistas são alguns exemplos de um grupo de privilegiado de pessoas que alocam o seu tempo de forma óptima entre trabalho e lazer. Um dia todos podemos estar nesse grupo, na certeza de que só com trabalho o conseguiremos. “ Toca o desper tador e levanto-me. Chego ao escritório bem- disposto… afinal estou vivo e tenho mais um dia pela frente!” O trabalho pode ser encarado como um todo, ou como

Chegue a casa e aproveite para desfrutar

de

algum

mais! Mas todos os dias pode Renovar! A mudança começa em cada um de nós... desde que nascemos! Mudamos porque vamos à escola e aprendemos, porque

lemos,

viajamos.

processo cumulativo. Nós somos a soma das experiências que vivemos!

cada tarefa isolada o pode ajudar

PORTFOLIO MANAGER @ BES PRESIDENTE @ WACT – WE ARE CHANGING TOGETHER www.wact.pt joao.mloureiror@gmail.com

uma

competência

pessoal ou profissional. “São dez horas 42 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

Porque

conhecemos novas pessoas. É um

JOÃO LOUREIRO RODRIGUES

desenvolver

acreditando

fazer

a família e lembre -se que amanhã há

que

a

visão,

hobby,

desporto, estar com os amigos e com

um conjunto de tarefas. Aposte na segunda

simplesmente

ECONOMISTA, CHANGEMAKER


Lifestyle

“Tamera como centro de investigação para um novo paradigma civilizacional” “Sentimos uma crescente necessidade de encontrar alternativas que tornem possível uma existência saudável e sustentável da humanidade no planeta Terra. Tamera surge como um centro de investigação para um novo paradigma civilizacional.” Por Rui Braga

T

orna-se cada vez mais difícil refutar que vivemos em tempos de

turbulência global. Das perturbações nos ecossistemas, às da economia e das sociedades em geral, sentimos crescentemente a necessidade de encontrar alternativas que tornem possível

uma

existência

saudável

e sustentável da humanidade no planeta Terra. SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 43


Lifestyle

Das revoltas no Médio Oriente aos protestos nos Estados Unidos e na Europa, encontramos cada vez mais um movimento global que deixou de se rever no rumo percorrido atualmente, e que dedica agora a sua energia ao desenvolvimento de alternativas credíveis e realistas. Numa tentativa de dar resposta aos desafios globais, Tamera surge como um modelo no qual são integradas

Tamera surge como um modelo no qual são integradas novas soluções para todos os aspectos básicos da existência humana.

novas soluções para todos os aspetos básicos da existência humana – água,

de

200

colaboradores

residentes,

alimento, energia e design social; um

que dedicam o seu trabalho a esta

centro de pesquisa para um futuro

investigação.

sem guerra – entre seres humanos, entre seres humanos e animais, e

Que tipo de soluções energéticas

entre seres humanos e o planeta.

podemos

desenvolver,

que

não

destruam a natureza e não poluam Num terreno com cerca de 150 hectares,

o ambiente? Como podemos cultivar

situado no Baixo Alentejo, no concelho

alimentos em abundância, mesmo

de Odemira, encontramos este centro

em terras danificadas, sem recurso a

experimental fundado em 1995, no

práticas de exploração da natureza,

qual são investigados os fundamentos

animais ou seres humanos? Como

ecológicos, tecnológicos e sociais

podemos gerir os recursos hídricos,

necessários à criação de modelos

tornando a água acessível a todos os

autónomos

seres, e proporcionando a recuperação

e

descentralizados,

que atuem como protótipos para

da

novos paradigmas civilizacionais. O

podemos desenvolver a capacidade

projeto conta atualmente com cerca

de resolver conflitos sem violência?

44 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

fertilidade

dos

solos?

Como


Lifestyle

Estas são algumas das questões na

vegetais. Para além de abastecerem

base da pesquisa de Tamera. O modelo

a flora e fauna circundante, os

que aqui tem vindo a ser desenvolvido

lagos

realiza pesquisa nas várias frentes

para o restabelecimento do ciclo

abarcadas por estas questões.

hidrológico, dando tempo à água

atuam

como

ferramenta

da chuva para se infiltrar no solo • Ecologia: Tamera tem trabalhado

e reabastecer os lençóis de água

na construção de uma Paisagem

subterrâneos,

de

que

para programas de reflorestação

lagos

e para a reversão do processo de

Retenção

consiste

numa

interconectados,

de rede

Água, de

construídos

a

abrindo

caminho

desertificação. Deste modo, todo

partir de materiais naturais, cujo

o

ecossistema

empreende

um

objetivo é o de reter a água da

processo de cura, que se traduz

chuva. À volta destes, vemos uma

em diversidade e abundância, e

paisagem de permacultura que se

que ser ve como porto de abrigo

desenvolve de ano para ano, repleta

para a vida selvagem que ali se

de árvores de fruto, legumes e

estabelece e desenvolve.

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 45


Lifestyle

• Tecnologia:

em

• Design social: Será possível criar

Tamera um campo de teste para

uma sociedade sem guerra, tanto

novas

tecnológicas.

entre seres humanos, como entre

Este campo de teste tem o nome

estes e o planeta? Na busca de

de Aldeia Solar e consiste num

uma

protótipo de uma aldeia com cerca

Tamera pesquisa novos modelos

de 50 habitantes. A experiência,

de educação, novas ferramentas

realizada atualmente no âmbito

sociais

da energia solar e do biogás,

humano capaz de fazer frente

busca desta forma proporcionar

às situações de conflito. Um ser

a autonomia energética dos seus

humano com uma relação saudável

residentes.

inovador

para consigo próprio, para com os

da pesquisa que aqui é levada a

outros seres e para com o planeta,

cabo consiste na sua orientação

é um ser humano com uma ética

para

genuína, imanente de uma nova

Encontramos

alternativas

a

O

aspeto

criação

descentralizadas,

de

soluções

fáceis

de

resposta

e

compreensão

a

um

da

esta

questão,

conhecimento

vida.

Einstein

reproduzir e de baixo custo. Desta

dizia que o pensar do futuro teria

forma

soluções

de tornar a guerra impossível. Por

aplicadas facilmente e de forma

esse motivo, uma parte essencial

autónoma, tanto em áreas de crise

do trabalho de Tamera consiste

como em todos os locais onde os

na investigação das bases mentais

recursos são mais escassos.

e espirituais que possam tornar

produzem-se

Será possível criar uma sociedade sem guerra, tanto entre seres humanos, como entre estes e o planeta?

46 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Lifestyle

possível um futuro sem guerra. Desde os tópicos de comunidade e espiritualidade, às questões mais íntimas do amor e da sexualidade, um modelo que ambicione a criação

Mais de 2000 visitantes e estudantes internacionais dirigem-se a Tamera para tomar parte nos vários cursos e eventos.

de uma alternativa credível para a paz têm necessariamente de lidar com todas as questões abarcadas no ser humano. Todos os anos, mais de 2000 visitantes e estudantes internacionais dirigem-se a Tamera para tomar parte nos vários cursos e eventos, que se destinam a exportar o conhecimento acumulado ao longo dos anos de pesquisa. Vindos dos mais diversos países e contextos sociais, os estudantes encontram-se em Tamera sob o âmbito da auto-suficiência e do conhecimento de paz. Estes retornam depois aos seus locais de origem para aplicar nos seus projetos a informação assimilada, ou para empreender na implementação de novas ideias. A

esta

plataforma

internacional

dá-se

Colômbia,

de

Israel-Palestina

aos

Estados Unidos, da Índia a inúmeros países europeus – na qual se inserem os mais variados projetos, unidos sob a meta de criar alternativas humanas para um futuro melhor.

de o

educação nome

de

Campus Global. Neste momento esta rede conta já com inúmeros parceiros

RUI BRAGA

www.tamera.org

– do Quénia ao Brasil, do México à SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 47


Espiritualidade

A renovação do Ser: uma questão de perspetivas Renovar é permitir ao nosso Ser recomeçar em diversos pontos de partida, reafirmar quem somos, o que queremos e sentimos. A renovação de um ser traduz-se num conjunto de transformações pessoais e integradas na sua essência. Por

E

Ricardo Fonseca

m muitos momentos sentimos a necessidade de mudar os nossos

pensamentos,

atitudes,

de

sentir

acontecer algo novo na nossa vida. A esta vontade de sentir algo novo a acontecer chama-se renovar. A renovação pode assumir diferentes significados que estão relacionados com os diversos contextos e com as diferentes áreas da nossa vida. 48 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


Espiritualidade

962 777 321 www.akademiadoser.com

FIND YOURSELF! O mais importante a realçar é que ao

renovar é que estamos a desejar algo

renovarmos em um dado contexto

novo, melhorar algo que no momento

estamos

atual já não nos faz sentir realizados.

a

incutir

renovadoras

nos

transformações se

Os pensamentos sobre a melhoria

Com

de algo na nossa vida são por si só

abordar

as primeiras formas de renovação,

algumas perspetivas de renovação

pois integrando e aceitando estas

que

novas ideias iniciámos o processo

encontram este

que

interrelacionados.

artigo são

outros

pretende -se

realizadas

inconscientemente,

muitas mas

vezes

que

vão

de

transformação

na

nossa

Vida

operando grandes mudanças em cada

através da criação de atos concretos

um de nós, proporcionando assim a

e definidos.

renovação do nosso Ser. Durante

este

processo

Uma das primeiras ideias que nos

algumas

surge

exemplo: O que quero renovar? Que

ao

pensarmos

na

palavra

questões,

surgem

como

por

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 49


Espiritualidade

situações, atitudes, emoções, pessoas

os mesmos hábitos, por mais que

novas quero na minha Vida? Estarei

desejemos a novidade na nossa Vida,

preparado para ter, viver, sentir algo

não seremos capazes de assistir e

novo?

sentir as alterações que ocorrem a cada instante.

Avaliemos por um pequeno instante a situação atual da nossa Vida: Como

É necessário abandonar os grilhões

estou? Como me sinto? Que preciso

que

de mudar? Como posso aceitar a

antigas. Urge substituir a mágoa pela

mudança?

alegria, a dor pelo prazer, regenerar

nos

prendem

às

situações

os nossos sentimentos associados ao De certeza que muitas destas questões

sofrimento pelo bem-estar de sentir

ficaram sem resposta quer por nunca

alegria.

nos

termos

debruçado

sobre

o

assunto ou porque não sabemos como

Para se sentir o efeito transformador

chegar às conclusões sobre a nossa

da renovação necessitamos de ir

existência. Só o facto de estarmos a

além da atribuição de uma nova

evocar a palavra “novo” causa uma

aparência (alteração que muitas vezes

sensação de medo, angústia e/ou por

efetuamos com o sentido de camuflar

vezes excitação e êxtase.

o nosso verdadeiro sentir) ou seja temos que iniciar o processo no nosso

Uma

das

fases

da

renovação

interior, no nosso centro de emoções

relaciona-se com a reestruturação

transparecendo a nossa verdadeira

e

essência.

reorganização

das

nossas

emoções, pensamentos, atitudes e relacionamentos.

Se

50 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

mantivermos

É necessário abandonar os grilhões que nos prendem às situações antigas.


Espiritualidade

Renovar é um ato que implica coragem, determinação, perseverança e que nos solicita constantemente a coerência entre o nosso sentir e o nosso agir!

É um processo onde reafirmamos

A espiritualidade é outro dos contextos

o que sentimos por nós mesmos,

da nossa vivência que experiencia

como se estivéssemos a reconfirmar

diversas renovações acompanhando a

o compromisso que temos connosco

nossa ligação com os nossos valores,

e consequentemente com os outros

crenças, esperança e a nossa fé! Ela

com quem nos relacionamos.

própria é alvo de renovações no que diz respeito ao fortalecimento do elo

Encaremos este facto, usando um

que nos une ao nosso mestre espiritual

exemplo do senso comum, como se

e mediante as provações ou vitórias

estivéssemos a renovar os votos de

que experienciamos no nosso dia-a-

amor num casamento, relação. Ao

dia. Hoje acreditamos em algo que

reafirmarmos o nosso compromisso

amanhã poderá não ser mais a nossa

connosco e com as pessoas que fazem

verdade, poderá não corresponder ao

parte da nossa vida estamos a realizar

que necessitamos como apoio para

uma etapa muito importante da nossa

as mudanças que ocorrem a cada

renovação.

momento.

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 51


Espiritualidade

Renovar é um ato que implica coragem,

renovado, ao recomeçar de uma nova

determinação, perseverança e que nos

vida.

solicita constantemente a coerência entre o nosso sentir e o nosso agir!

Quando

renovamos

estamos

Temos que Querer algo novo para o

essencialmente a progredir! A realizar

tornarmos viável e possível!

uma jornada de rejuvenescimento do nosso ser, a revigorar as nossas

Temos que enfrentar os nossos medos

forças, certezas e os nossos ideais!

e colocar à prova as nossas crenças,

Progredimos a cada nova etapa do

mesmo que nos apercebamos que

nosso crescimento a cada instante

estas são mutáveis e que são parte

em que integramos no nosso ser

constituinte de todo o processo de

a

renovação.

renovação!

São

estas

crenças

da

nossa

Renovar o nosso ser é de facto uma

“conser tar” das já existentes que

questão de perspetivas! É um processo

servirão

um

muito pessoal não obstante que, a

processo de mudança espiritual e

nossa renovação será causadora da

que conduzirá ao reerguer de um ser

renovação das pessoas com quem nos

alicerce

a

ou

essência

o

de

novas

verdadeira

todo

relacionamos. Seguindo

este

fio

condutor

de

pensamento, permitam-me que vos questione em jeito de conclusão: estão preparados para renovar?

Quando renovamos estamos essencialmente a progredir! 52 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

RICARDO FONSECA ENFERMEIRO, ESCRITOR

www.escritadoautoconhecimento.webnode.pt

percursosdevida@gmail.com


Revitalizar

1 e 2 de Setembro

Akademia do Ser abre as suas portas para um Fim de Semana DEDICADO AO SEU CORPO Poderá participar:

Numa massagem/terapia à sua escolha* Usufruir da nossa zona chill out

Tudo por apenas 20€!

O espaço é para si! Venha conhecer e usufrua!

Oferta de um vale de desconto de 20% numa próxima sessão

Durante todo o dia poderá experimentar as seguintes massagens/terapias e atividades na área da saúde e bem estar:

Zona Chill Out (Sala Magnólia)

Sessões de Massagem/Terapia (Salas diversas)

10:00 Documentário 11:30 Meditação ativa de Osho "Heart Chakra Meditation" 14:00 Filme 16:00 Concerto "Circulo de Voz e Tambores" 18:00 Meditação o Toque da Alma

Terapia

Terapeuta

Massagem Ayurvédica Reflexologia Indian Head Massage Pedras Quentes / Relaxamento Shiatsu / Massagem com Bambu Reiki Massagem Ayurvédica Massagem de Som Reiki / Pedras Quentes Reiki

João Vicente Carmen Faria Isis Teixeira Ana Paula Carlos Baptista São Luz Bruno Firmino Mónica Chan Telma st António David Rodrigues

Faça a sua marcação para garantir o seu lugar! Preparamos um fim de semana com atividades que esperamos ser do seu interesse.

Inscrições e marcações:

geral@akademiadoser.com | 21 443 83 05 Caso não esteja presente na hora marcada para a sua sessão individual o seu lugar será cedido. *É obrigatória a inscrição, e marcação de horário, para as sessões individuais que pretenda experimentar, pois as vagas são limitadas.

Organização:


DO


DESAFIOS

FEMININO


desafios do feminino

Renovar é mudar mentalidades Se queremos renovação nas nossas vidas, seja a que nível for, temos de nos pôr em causa e começar por questionar os valores instituídos. Nas questões de género, há valores culturais e sociais que impedem muito a renovação de mentalidades e, por conseguinte, de uma sociedade e de um país. Que contributo estamos a dar para essa renovação? Por

Sofia Frazoa

M

udar

mentalidades,

ou

seja,

renovar, é um processo que

demora gerações e exige uma alteração ao nível dos valores e padrões de uma dada no

sociedade primeiro

ou

cultura.

impacto,

parece

Assim, uma

tarefa árdua e quase impossível até se conseguirem ver as primeiras mudanças. As pessoas otimistas e corajosas sabem que é utópico ter a pretensão de mudar o mundo, mas é possível mudar o ambiente que nos rodeia começando, primeiro, por nos mudarmos a nós. 56 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


desafios do feminino Vamos sempre a tempo de evoluirmos e de mudarmos de perspetiva.

como pensamos e vemos o mundo. Vamos sempre a tempo de evoluirmos

Até aqui nada de novo. O que talvez nos

e de mudarmos de perspetiva, mas não

baralhe, numa sociedade que apela ao

podemos esperar que seja o mundo

individualismo e ao bem-estar interior

a dar-nos essa renovação para nos

(confundindo-se este, muitas vezes, com

sentirmos mais livres e renovado/as.

egoísmo e desrespeito pelo outro), é

O que podemos fazer para começar a

como se rema contra a maré dos valores

mudar mentalidades?

instituídos, mantendo a nossa verdade e uma grande humildade para perceber o outro.

1. Rever os padrões de pensamento: Por detrás de um determinado tipo de comportamento ou maneira de

Vários estudos sobre violência doméstica,

pensar está, quase sempre, um modelo

feitos em Portugal nos últimos 10

que já vimos nos nossos educadores

anos, têm revelado que há um grande

e passámos a reproduzir. Até que

problema estrutural assente em papéis

ponto este padrão não está datado

de

criando,

no tempo e a precisar de renovação?

interiorizando e reproduzindo ao longo

Este padrão ou maneira de pensar traz

do tempo, quer pelos agressores, quer

harmonia e felicidade aos outros e a

pelas vítimas. Sentimentos como a

mim mesmo/a?

género

que

se

foram

vergonha, a culpa ou a desonra familiar estão também na origem da passividade

2. Ter uma atitude humilde: Ninguém

das vítimas face à violência. Este é um dos

é dono da razão e a prova disso é que

exemplos extremos de como a educação

o mundo é cheio de pessoas, culturas,

e os modelos a que assistimos desde

maneiras

crianças podem influenciar o modo

diferentes. Assim sendo, devo ter

de

pensar

e

filosofias

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 57


desafios do feminino

Não descurando as óbvias diferenças a capacidade de ser humilde para

biológicas

e

reconhecer que as minhas ideias são

homens e mulheres, é importante

produto da minha experiência de vida

lembrar que a cultura e a educação

e apenas um dos milhões de hipóteses

têm um papel essencial na construção

de ver e compreender o mundo.

do “produto” homem ou mulher (ou

Assim, posso aproveitar algumas das

masculino e feminino, se falarmos

experiências e maneiras de pensar

de

dos outros para acrescentar à minha

forma de ousar romper com o valor

própria evolução e experiência.

instituído, costumo sugerir que nos

género).

neurológicas

Assim

sendo,

entre

como

questionemos: E as mulheres são todas 3. Ousar romper com o instituído: Um

iguais? Só existem então dois tipos de

dos exemplos mais clássicos de padrão

pessoas: homens ou mulheres? Se a

instituído que os estudos de género

resposta a estas duas perguntas for

tentam desmontar é a diferença entre

“não”, sugiro que ousemos pensar que,

homens

afinal, os homens também podem não

e

mulheres.

Claramente

não só, mas com grande expressão em

zonas

mais

ser todos iguais.

desfavorecidas,

interiores e isoladas do país, ainda

4. Criar novos valores: Desmontando

se continua a utilizar muito a ideia

os

valores

instituídos

que

não

de que “os homens são todos iguais”.

contribuem para a nossa evolução e felicidade, é chegado o momento

Ninguém é dono da razão e a prova disso é que o mundo é cheio de pessoas, culturas, maneiras de pensar e filosofias diferentes.

de renovar o nosso stock e substituir o que cheira a mofo pela novidade e novas oportunidades. Pode ser difícil, inicialmente, criar um novo pacote de medidas para renovar a nossa vida, mas podemos começar por nos apoiar nas razões que nos levaram a cortar

58 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


desafios do feminino

com o velho. Por exemplo, se percebe que um dos seus padrões é considerar que ninguém é digno de confiança, o convite é começar a pensar que há pessoas dignas de confiança e, a pouco e pouco, ir abrindo espaço interior para confiar nos outros. 5. Ser coerente na forma de pensar e agir: Qualquer pessoa falha e tem os seus momentos de incoerência e de aprendizagem, no entanto, para conseguir influenciar pelo exemplo e contribuir para renovar mentalidades

é essencial que a nossa maneira de agir corresponda ao que pensamos e dizemos pensar. As transformações a

que

assistimos

mundialmente

convidam-nos a ser cada vez mais verdadeiro/as e coerentes connosco. Deixou de fazer sentido, sobretudo passada

a

adolescência,

tentar

encaixar no que os outros pensam para ser aceite e reconhecido/a. Se não renovamos, mantemos a mentalidade antiga e continuamos reféns do todo. Essencial, em alturas de crise que apelam à mudança e renovação, é nunca esquecermos que o respeito por nós vem em primeiro lugar, mas implica sempre e em simultâneo – um respeito profundo pelo outro. Ou corre o risco de ser um ato egoísta disfarçado de evolução e renovação do ser.

As transformações a que assistimos mundialmente convidam-nos a ser cada vez mais verdadeiros connosco.

SOFIA FRAZOA

TERAPEUTA www.caminhosdaalma.com caminhosalma@gmail.com

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 59


MUDANÇA

T R A N QU I L A


zcool.com.cnZ


mudança tranquila

Economia do Desenvolvimento, a necessidade de uma nova ciência A Economia do Desenvolvimento nasce da necessidade humana de criar uma nova ciência, onde se possa estudar quais as condições favoráveis ao desenvolvimento para a emergência e realização pessoal. Por

N

a

história

Carlos Lourenço Fernandes

das

ciências,

uma

interrogação dá, pode dar, início a

uma nova ciência. Se emerge uma questão (que a física não responde, a química ignora, a botânica não trata disso, a zoologia é de outra tema, a matemática ocupa-se de si própria….) surge a oportunidade de uma nova ciência iniciar o seu percurso. E ganhará (ou não), no tempo e resultados, legitimidade de consolidação, de progresso, de desenvolvimento.

62 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


mudança tranquila

O mundo compreende -se através da elaboração humana de conceitos. Porque será que num espaço geográfico,

asseguram que a diferença substantiva

no interior de uma fronteira política,

entre o rendimento de uma área (país) e

numa certa sociedade e economia, o

outra área (outro país) é derivada, sobretudo,

rendimento per capita é da ordem dos

da qualidade institucional, da qualidade

17000 US Dólar e, uns metros ao lado,

das instituições verificável num ou noutro

para lá da fronteira próxima, num espaço

palco, numa ou outra área. Qualidade

geográfico similar, com uma dimensão

das

territorial concordante, o mesmo indicador

compreende-se através da elaboração

económico, o rendimento per capita, revela

humana de conceitos) qualidade nas

uns confrangedores 4500 US Dólar? Colocar

atitudes, nos comportamentos, no direito

esta questão deu lugar à oportunidade

positivo (nas leis, nas normas), na promoção

de emergir uma nova ciência humana, a

e funcionamento da justiça, qualidade

designada Economia do Desenvolvimento.

nas estruturas dedicadas à promoção da

Ocupam-se da legitimidade, progresso e

liberdade, de ambientes institucionais

consolidação desta ciência, os economistas

favoráveis, estimulantes, à iniciativa de

do desenvolvimento.

cidadãos, famílias e empresas. Onde existir

instituições

significa

(o

mundo

qualidade institucional, existem condições Hoje, além meio século sobre a emergência

favoráveis ao desenvolvimento. Onde são

desta nova questão – desta nova ciência

frágeis, débeis, opacas (as instituições),

– os economistas do desenvolvimento

o ambiente institucional promove e é SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 63


mudança tranquila

favorável ao empobrecimento. O resultado é maior distância face aos outros onde o maior número progride em disponibilidades para a emergência e realização pessoal.

compreende-se através dos conceitos) mudar. A estagnação, manter tudo na mesma, é fator de retrocesso, de ausência de desenvolvimento. A mudança e a gestão da mudança são o Desenvolvimento. Mudar, por exemplo, o modelo energético de produção e consumo e gerir a transição da mudança, é Desenvolvimento. Caminhar no sentido do modelo energético Carbono Zero, é mudar, em persistência, é gerir a mudança, em persistência, é, traduzirem

Desenvolvimento.

Melhora

justiça,

o

ambiente

a

disponibilidade de recursos, melhoram indicadores de qualidade de vida. Um país pode ter uma direção consistente no sentido de progredir no eixo da construção

favorável ao progresso pessoal, familiar e empresarial) dependem, em última humano (isto é, depende da qualidade das pessoas). Da qualificação em competências pessoais, em competências afetivas e no compromisso de emergência e reforço de ética pessoal dirigida ao respeito por si e pelos outros. Notemos:

Desenvolvimento

nisto, reafirmemos esforço de reflexão e disponibilidade para melhor qualidade institucional – que, já o sabemos por via do contributo dos economistas do desenvolvimento -, é decisiva como garante de suporte á criação de valor, ao estímulo das iniciativas, que, afinal, são, em liberdade, as construtoras da dignidade do maior número numa sociedade progressiva.

institucional. Mas, as instituições (isto é, as atitudes, os comportamentos, as normas e leis, o funcionamento das estruturas de organizações, a promoção sistemática

significa

mudança e gestão da mudança, Pensemos

e reforço permanentes da qualidade

64 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

institucional

análise, da qualidade disponível do capital

O Desenvolvimento significa (o mundo

se

da

CARLOS LOURENÇO FERNANDES PROFESSOR, ESCRITOR, CONFERENCISTA clfurban@gmail.com


agenda

Setembro 2012

Vivência Xamanica - Nivél 4 Por António Paiva 1 de Setembro das 9h30 às 19h Baía d’Alma http://baiadalma.no.comunidades.net/ 964 769 876 | 932 906 333

Revitalizar Em Akademia do Ser 1 e 2 de Setembro das 10h às 19h Akademia do Ser www.akademiadoser.com geral@akademiadoser.com 214 438 305

Festival Renascer Por Sakura Centro de Terapias 1 a 2 de Setembro das 9h20 às 20h30 Auditório Centro Cultural - Chaves - Margem esquerda do Rio Tâmega www.festivalrenascer.wix.com festivalrenascer@gmail.com 917 433 609 | 276 333 328

Alchemy of Meditations Em OSHO Centro de Meditação Darshan Zen 2 de Setembro das 11h às 20h OSHO Centro de Meditação Darshan Zen www.darshanzen.com darshan@darshanzen.com 213 149 726 | 964 660 933

Ao Encontro da Meditação Por Riktam 1 Setembro das 09h00 às 13h00 Osho Centro de Meditação Darshan Zen http://www.darshanzen.com 213 149 726 | 966 519 065

Trabalho sem trabalho: O melhor amanhã começa hoje! Por Júlio Barroco 1 a 2 Setembro das 10h às 19h Dharma Studio www.juliobarroco.com welcome@juliobarroco.com 917 497 316

16ª Edição do Curso de Mesoterapia Homeopática aplicada a Patologias Osteoarticulares e à Estética Por João Francisco Martins, Tiago Sequeira Correia,

Sofia Maria Gonçalves, António Joaquim Coelho 1 e 2 de Setembro Instituto Técnicas de Saúde - Lisboa João Martins: 968 882 072 | joaofvm@hotmail.com Tiago Correia: 962 384 649 | t_correia@iol.pt

Meditar: do Rio ao Oceano Por Riktam 2 Setembro das 09h30 às 13h30 Osho Centro de Meditação Darshan Zen http://www.darshanzen.com 213 149 726 | 966 519 065

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 65


agenda

Setembro 2012

Workshop Xamanismo Guarani Em 1000 Caminhos 2 e 16 de Setembro 1000 Caminhos - Porto www.1000caminhos.com 935 334 087

Retiro vivencial ao encontro de mim: Conhecer e manifestar Por Isabel Gonçalves 7 a 9 de Setembro Quinta da Enxara www.harmonizando.com harmonizando@gmail.com

Festival ZIMP Por Instituto Macrobiótico de Portugal 3 a 9 de Setembro ZMAR – Zambujeira do Mar www.e-macrobiotica.com/festival_zimp joana.zimp@e-macrobiotica.com 213 243 290 | 966 969 845

Curso de Culinária Vegetariana (Dieta Sátvica) Por Shiila Serrano 8 a 16 de Setembro das 10h30 às 15h Prama - Espaço de Equilíbrio http://www.prama.pt geral@prama.pt 213 523 113

Retiro de libertação emocional Osho Festival Em Centro de Meditação Darshan Zen - Lisboa 10 a 16 de Setembro Osho Centro de Meditação e Feira Alternativa (Inatel-Lisboa) http://www.darshanzen.com darshan@darshanzen.com

Por Rodrigo Belard e Hélder Alves 12 a 14 de Setembro das 09h às 23h Quinta Sá - Lamego www.harmoniza.com www.facebook.com/rodrigobelard/ rodrigo.belard@gmail.com 926 425 817

Horticultura Permacultural Por Laura Williams e Annelieke van der Sluijs 14 a 16 de Setembro Awakened Life Project - Benfeita awakenedlifeproject.org/ annelieke.van.der.sluijs@gmail.com

66 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

Feira Alternativa / Festa da Terra Por Terra Alternativa 14 a 16 de Setembro Estádio INATEL 1º Maio em Alvalade, Lisboa www.terraalternativa.com


agenda

Setembro 2012

Curso profissional de instrutor de yoga clássico Em Casa Brahma 15 a 30 de Setembro das 10h às 18h Casa Brahma - Porto www.casabrahma.com geral@casabrahma.com 919 432 763

4ª Edição do curso: “Ame-se e Cure a sua Vida” do Método Louise Hay Por Isabel Gomes Início a 27 de Setembro Akademia do Ser

Curso de Massagem Relaxante Por Luís Barreto 19 de Setembro a 21 de Novembro das 19h às 22h30 Prama - Espaço de Equilíbrio http://www.prama.pt geral@prama.pt 213 523 113

DENTRO! the way is IN! Por Satya 28 a 30 de Setembro das 18h às 21h Injoy - Quinta Jardim da Serra, Câmara de Lobos, Ilha da Madeira

www.akademiadoser.com

http://www.injoy.pt

geral@akademiadoser.com

inscricoes@injoy.pt

214 438 305

Retiro Vivencial: O Fluir do teu Equilíbrio ao encontro de Ti Por Claudia Campos e José Martins 29 Setembro a 30 Setembro das 10h30 às 18h Sobral de Monte Agraço www.coracoes-ao-alto.blogspot.pt terra.tca@gmail.com 933 808 243 | 935 265 990

962 704 853

Amor em Movimento Por Sundari 28 e 29 Setembro das 18h às 20h Quinta da Calma - Almancil www.quintadacalma.com inscricoes@injoy.pt 913 353 762

Grupo de Constelações Sistémicas Por Maria de Fátima da Luz 30 de Setembro das 14 às 19h Akademia do Ser www.novoceu.pt 938 068 164 | 214 438 305

SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 67


vouchers

Setembro 2012

Para a utilização do seu voucher contacte a Revista Progredir clicando aqui

Aconselhe-se e sinta a sua Vida Financeira melhorar! Aproveite 25% na sua 1ª Sessão Money Life com David Rodrigues Em Paço de Arcos

Faça deste espaço o seu!

Relaxe e recupere a sua Energia Vital!

Oferta da 1ª hora de aluguer de sala para profissionais da área do desenvolvimento pessoal

Aproveite 15% na sua 1ª Sessão Reiki com David Rodrigues Em Lisboa e Paço de Arcos

Em Paço de Arcos

Aceda à nossa página do YouTube.

Videos para desfrutar, refletir e meditar!

Faça parte! 68 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

Experimente e sinta a diferença! Uma Consulta de Medicina Tradicional Chinesa GRÁTIS Em Paço de Arcos

Aproveite as Ofertas deste Mês!


reflex천es

O HOMEM QUE SONHA POR PEDRO RUI CARVALHO

PEDRO RUI CARVALHO FORMADOR

www.pedroruicarvalho.com http://www.facebook.com/OQUEACREDITA formadorpedrocarvalho@gmail.com SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 69


fontes de saber

LIVRO RECOMENDADO CARTOON

A Psicologia do Amor O bestseller que ilumina a relação complexa

entre

terapeuta

e

paciente. “O Dr. Yalom demonstra uma vez mais que, nas mãos cer tas, a psicoterapia

O primeiro passo normalmente é

é tão interessante quanto a mais

fácil, difícil é arranjar coragem para

fér til e a mais criativa de todas as

o dar.

ficções.” In New York Times Preço: Cerca de 17,07€ por 288 páginas de sabedoria.

70 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

Bernardo Galvão Sousa


fontes de saber

UMA ESTÓRIA QUE FAZ PENSAR

A lenda do monge e do escorpião

Seria um a menos! Veja como ele reagiu à sua ajuda! Picou a mão que o salvara! Não merecia a sua compaixão!

Monge e discípulos iam por uma

O monge ouviu tranquilamente os

estrada e, quando passavam por

comentários e respondeu:

uma ponte, viram um escorpião a ser arrastado pelas águas. O monge

Ele agiu conforme sua natureza, e

correu pela margem do rio, meteu-

eu de acordo com a minha.

se na água e pegou no escorpião com a mão. Quando o trazia para

PENSAMENTO DO MOMENTO

fora, o escorpião picou-o e, devido à dor, o homem deixou-o cair

Conheça todas as teorias, domine todas as

novamente no rio. Foi então até

técnicas, mas ao tocar uma alma humana seja

à margem apanhou um ramo de

apenas outra alma humana.

árvore, adiantou-se outra vez a

Carl G. Jung

correr pela margem, entrou no rio, apanhou o escorpião e salvou-o.

VÍDEO DO MÊS

O monge voltou e juntou-se aos discípulos na estrada. Eles tinham assistido à cena e receberam-no perplexos dizendo-lhe: Mestre, deve estar muito doente! Por que salvou esse bicho ruim e venenoso? Que se afogasse! SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 71


biografia

Barack Hussein Obama Jr. B

arack Hussein Obama Jr. nasceu em Honolulu, Hawaí, no dia 4 de agosto de 1961. Filho de Ann Dunham,

nascida no estado do Kansas e de Barack Obama, nascido no Kenya. Os pais de Barack Obama divorciaram-se quando este tinha 5 anos. O seu pai ingressou na Universidade de

Harvard e, depois de concluí-la, retorna ao Kenya onde viria a falecer, num acidente automobilístico em 1982. Barack Hussein Obama Jr. passou parte da infância no Hawaí e na Indonésia, para onde se mudou após o divórcio de sua mãe. Aos dez anos, porém, Barack Obama regressou ao Hawaí, onde viveu sob os cuidados dos avós maternos. Após concluir o ensino secundário, com 17 anos, Barack Obama mudou-se para Los Angeles, onde estudou no Occidental College. Em1981, transferiu-se para a Universidade de Columbia, em Nova Iorque, onde se graduou em ciência política, com especialização em relações internacionais. Com 22 anos, foi trabalhar por um ano na empresa Business International Corporation. Após quatro anos na cidade de Nova Iorque, Obama mudou-se para Chicago para trabalhar como agente comunitário entre 1985 e 1988 e como diretor da Developing Communities Project. Obama ingressou na escola de direito de Harvard no final do mesmo ano de 1988. No final do seu primeiro ano na escola de direito, foi escolhido como editor da revista Harvard Law Review. No ano seguinte foi escolhido como presidente da revista, assumindo as responsabilidades de editor-chefe. Obteve o título de doutor em direito por Harvard em 1991. Regressou a Chicago para trabalhar novamente 72 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012


biografia

Barack Hussein Obama Jr. nos escritórios de direito Sidley & Austin e Hopkins & Sutter. Foi nesta altura que conheceu sua esposa, Michelle Robinson. Obama e Michelle casaram-se em 1992 e tiveram duas filhas. A sua carreira política teve início em 1997, quando, pelo partido Democrata, se tornou Senador do estado de Illinois, cargo que ocupou até 2004. Foi eleito para o Congresso dos EUA nesse mesmo ano, principalmente por ser contra a invasão do Iraque. Nos seus discursos, foi evidente a sua inquietação com o sistema de saúde. Posiciona-se a favor do fim da guerra do Iraque e do uso de diplomacia para com o Irão, bem como a favor do desarmamento nuclear. Barack Obama foi premiado com o Nobel da Paz de 2009, “pelos extraordinários esforços para reforçar o papel da diplomacia internacional e a cooperação entre os povos”. Houve críticas a esta atribuição, um dos motivos foi o reforço de tropas norte americanas no Afeganistão, por parte de Barack Obama. Obama foi eleito o 44º presidente dos Estados Unidos, atual presidente do país, desde 24 de janeiro de 2009, sendo aclamado como o primeiro negro a governar o país. “Não há uma América negra e uma América branca e uma América latina e uma América asiática. Há os Estados Unidos da América” SETEMBRO 2012 | REVISTA PROGREDIR | 73


glossário

Aceda a outras ferramentas para progredir clicando aqui

Ferramentas para Progredir

Medicina Tradicional Chinesa A

Medicina

Tradicional

Chinesa,

ou

Medicina Chinesa, é considerada uma

integrados de respiração e circulação de

das mais antigas formas de medicina oriental

energia são alguns dos principais métodos

(englobando métodos oriundos do Japão,

de tratamento com vista à manutenção ou

Coreia, Tibete, Mongólia e da Índia).

recuperação da saúde.

De natureza filosófica, tenciona proteger o

Esta é a única medicina que tem uma existência

organismo humano e a sua interação com o

contínua com mais de 2000 anos e que vem

ambiente de acordo com os ciclos da natureza.

evoluíndo para se adaptar às necessidades

Incluí o principio do Yin-Yan, a teoria dos

do mundo moderno. É reconhecida pela OMS

cinco elementos e do sistema de circulação da

da ONU e pelo estado chinês em igualdade

energia pelos meridianos do corpo humano.

com a prática da Medicina Moderna. Permite uma abordagem mais humanista e ao mesmo

No século XX, Mao Tze Tung, oficializou o ensino

tempo mais global do ser humano, da saúde

da Medicina Chinesa ao nível universitário

e da doença. Em Portugal a Medicina Chinesa

levando à criação de diversas universidades

tem vindo a ganhar adeptos e a tornar-se uma

e hospitais para a prática desta medicina,

das mais recorrentes técnicas de tratamento

considerada na altura um excelente recurso

alternativo.

e de fácil acesso. Atualmente métodos como: fármacos, acupunctura, massagem e osteopatia chinesa, dietoterapia (terapia alimentar),

auriculoterapia

(tratamento

pela orelha), moxabustão, ventosaterapia, Chi Kung (tipo de meditação) e exercícios 74 | REVISTA PROGREDIR | SETEMBRO 2012

CATARINA GIRÃO REDAÇÃO

http://sintoniasimpatia.blogspot.pt/

catarinagirao@revistaprogredir.com


Lançamos as raízes para o seu Futuro!


O verdadeiro sábio não é aquele que lê muito, mas sim aquele que põe em prática o que lê.

www.revistaprogredir.com


Revista Progredir nº 008