Page 1


PEQUENAS AÇÕES PODEM ENVOLVER MUITAS PESSOAS E CONSTRUIR UMA CONSCIÊNCIA COLETIVA

S I G L A C O N S T R U TO R A A Sigla Engenharia é uma empresa especializada em construções, reformas, gerenciamentos e administrações de obras. A base principal de sua atividade é o relacionamento constante com seus clientes. Essa facilidade de relacionamento é fator de grande sucesso da empresa e faz com que seu atendimento seja diferenciado. Com uma gama de clientes em diversos segmentos do mercado nas áreas residenciais, comerciais e industriais, a Sigla

Engenharia estabelece uma relação de confiança mútua que traduz uma de suas principais filosofias de trabalho. “a satisfação do cliente, pois esta é nossa maior referência”. Atuamos no mercado desde 1994 realizando parcerias com profissionais altamente qualificados, desenvolvendo métodos construtivos sempre com a filosofia sustentável.

R u a D r. D i o g o d e F a r i a , 11 5 8 0 4 0 3 7 - 0 0 3 - S ã o P a u l o - S P - w w w. s i g l a c o n s t r u t o r a . c o m . b r


Envolvidos na realização da ação • Colaboradores – Todos os envolvidos no processo de construção, operários, equipe técnica e administrativa da Sigla e arquitetos; •

Clientes

• IBF - Instituto Brasileiro de Florestas é uma associação sem fins lucrativos que tem como foco de trabalho o apoio ao reflorestamento e a proteção de florestas nativas. Fundada em 2006, pela Família Aquino, atualmente congrega a maior rede de produção de mudas florestais nativas do Brasil, localizada nos estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina, produzindo mudas de árvores do bioma Mata Atlântica e Cerrado, para todo o país. O IBF certifica empresas que realizam plantio de árvores nativas ou patrocina projetos socioambientais com o selo “Plante Árvore”, que está em conformidade com a legislação ambiental vigente e de acordo com o modelo proposto pela Norma ISO 14020 para concessão de selos ambientais. Indicando que sua empresa investiu no plantio de árvores e sequestrou CO2. O selo Plante Árvore é o único da América Latina com a aprovação do Instituto Brasileiro de Florestas. • Multilix é uma empresa paulista que atua na área de transbordo, triagem, processamento e comercialização de resíduos da construção civil, uma ATT - Área de Transbordo e Triagem de resíduos de construção civil licenciada pela P.M.G. - Prefeitura Municipal de Guarulhos e pela CETESB. Ela é responsável por receber as caçambas, documentar a destinação correta de cada um dos resíduos: plástico, metal, papelão, papel, madeira, entulho, terra, gesso e etc. Para cada caçamba retirada, a obra emitirá um CTR – Controle de Transporte de Resíduos – para documentar a destinação para a ATT. Após a triagem, os resíduos são encaminhados, cada um, para um local licenciado para a execução da reciclagem, como por exemplo: a madeira é destinada para ser triturada e transformada em biomassa (cavaco de madeira) e utilizada em fornos de cerâmica e caldeiras de indústrias. O entulho, cinza, é destinado para a unidade onde será britado e reinserido no mercado em forma de brita reciclada por exemplo. • Sustentare Ecosocial - Romano Comunicação e Design Empresa de consultoria responsável pela criação da estratégia, planejamento e implantação das campanhas de Comunicação e Sustentabilidade do Plano Obra Sustentável Sigla, com o apoio da equipe da construtora Sigla.


AÇÂO

06

| implantação - Abril de 2011

JUSTIFICATIVA

Projeto Obra Sustentável

Uma parte de um todo: Responsabilidade, consciência e atitude

“PLANTAR, CONSTRUIR E TRANSFORMAR” Este é o nosso projeto: PLANTAR uma ideia, CONSTRUIR com responsabilidade e TRANSFORMAR pessoas engajando parceiros e a sociedade para a busca de um futuro sustentável. “Acreditamos que mesmo uma pequena ação pode envolver muitas pessoas e construir uma consciência coletiva sobre a sustentabilidade”, Sérgio Francisco, engenheiro diretor da Sigla Construtora. Responsável por 63% da formação bruta de capital fixo, com a taxa de investimento em 2010 de 18,4% do PIB, movimentando por volta de 730 bilhões de reais por ano e sendo responsável por mais de 3 milhões de empregos diretos, segundo o Sinduscon-SP e FGV, o setor de construção civil não pode fechar os olhos para sua responsabilidade de dar condições de trabalho, saúde e segurança a seus colaboradores. Tomar uma atitude responsável no que diz respeito a procedimentos construtivos e operacionais no canteiro de obras é mais que uma obrigação é uma questão de humanidade, respeito à vida e ao trabalhador. A Sigla Construtora desde sua fundação tem em suas operações a preocupação com a sustentabilidade. Amadurecendo esta ideia, a partir de 2011 contratou a Romano Comunicação para ajudar a concretizar este projeto. Inicialmente através de obras pilotos iniciou-se um conjunto de ações que hoje fazem parte do cotidiano da empresa. Fazemos o uso consciente de água e energia, destinamos corretamente os resíduos produzidos nas obras, plantamos árvores em áreas de reflorestamento, indicamos e especificamos materiais construtivos com baixo impacto ambiental. Embora tímidas em relação aos resultados que o globo precisa, essas ações representam o início de uma mudança. Buscamos fazer a nossa parte, sonhamos que este exemplo inspire e que se estabeleça como padrão definitivamente nas mentes de outras pessoas e empresários.

08

OBJETIVOS

Educar: valor estratégico; Estimular e disseminar a filosofia

10

FUNCIONAMENTO - Ação Plante Árvore - Destinação do entulho - Obra responsável

16

AÇÃO

Agir para sair da zona de conforto. Inovação, dificuldades e conquistas

18

CASES

Alguns projetos e resultados do plano

deveres, mas incentivar e despertar a consciência sustentável e a educação socioambiental têm um valor agregado muito maior do que a ação por si só. Março de 2014

SUMARIO

Estamos certos que plantar árvores ou assumir procedimentos no processo construtivo são nossos


JUSTIFICATIVA

| plantar

Uma parte de

UM TODO Responsabilidade, consciência e atitude

PLANTAR uma ideia, CONSTRUIR com responsabilidade e TRANSFORMAR pessoas engajando parceiros e a sociedade para a busca de um futuro sustentável. Pulverização da cultura

Gestão de detritos sólidos

Programa plante árvore

Programa obra responsável

Engajamento e disseminação da cultura sustentável entre colaboradores e clientes formadores de opinião.

Plantio de árvores para compensação de emissões de Gases do Efeito Estufa. [6]

S IGLA SUST ENT ÁVEL

Administrar, reutilizar e destinar corretamente os detritos das obras.

Implantação de procedimentos baseados na NR 18.


A incorporação dos conceitos de sustentabilidade nas construtoras consiste em um dos grandes desafios para a nossa realidade ambiental. Projetos arquitetônicos bem planeja-

Apenas 1% do que é construído no País se encaixa no conceito

dos, a preocupação com a iluminação otimizada, captação

de sustentabilidade ambiental.

e tratamento de recursos naturais como energia e água têm

Segundo o gerente de relações

nos encantado e nos inspirado, mas por trás deste fantástico Green Buildings existe toda uma cadeia produtiva que é res-

institucionais e governamentais

ponsável por 42% do consumo total de energia elétrica (Mi-

da Green Building Council Brasil,

nistério de Minas e Energia), 26% do consumo de toda água

Felipe Farias.

bruta do país, o consumo entre 15 e 50% de toda a matéria prima extraída da natureza, e ainda produz 60% da massa de

"A demanda por construções

resíduos sólidos no Brasil.

sustentáveis no País não para

A Sigla Construtora se vê como parte importante para mu-

de crescer, mas ainda existem

dar esses dados e, sendo assim, buscou alinhar os projetos

desafios relacionados à falta de

de alguns de nossos clientes à nossa filosofia. A Sigla con-

informação e preconceito."

centrou esforços para criar parâmetros sustentáveis que condissessem com o porte da empresa e que atendessem aos quesitos básicos para iniciarmos o plano de “PLANTAR, CONSTRUIR E TRANSFORMAR”.

CERTIFICAÇÃO Selo “Plante Árvore” do IBF que certifica empresas que realizam plantio de árvores nativas ou patrocina projetos socioambientais. O selo está em conformidade com a legislação ambiental vigente e de acordo com o modelo proposto pela Norma ISO 14020 para concessão de selos ambientais.

Ele indica que a empresa investiu no plantio de árvores e sequestrou CO2. Nosso projeto tem apenas um ano e meio e pretendemos alcançar nossos objetivos de disseminar a conscientização da importância da sustentabilidade com ações e o reconhecimento de prêmios como o da 11ª edição do Prêmio Planeta Casa, da EDITORA ABRIL e portal PLANETA SUSTENTÁVEL.


OBJETIVOS

[8]

S IGLA SUST ENT ÁVEL

| metas


Educar:

VALOR ESTRATÉGICO Estimular e disseminar a filosofia

A educação ambiental tem um sentido fundamentalmente político, mostrando o seu verdadeiro foco direto, a transformação da sociedade no presente, com o olhar no futuro, com o objetivo de formar cidadãos críticos, que tenham a consciência da sua parcela de responsabilidade socioambiental e transformador da sua realidade imediata.

OBJETIVO

Nosso objetivo vai além de ser responsável pelo processo construtivo de nossas obras, também é estimular e disseminar o conceito de sustentabilidade nas pessoas. Colaborar para que nossos profissionais adotem formas inovadoras para lidar com o meio-ambiente, que os arquitetos e clientes tenham a Sigla como uma empresa comprometida com projetos e práticas sustentáveis e se inspirem em concentrar esforços em comum. Buscamos fazer parte ativa na melhoria da vida da sociedade, colaboradores, clientes e do nosso futuro.

METAS • Ampliar a disseminação da filosofia e a conscientização com uma comunicação mais ampla; • A cada árvore plantada ficamos mais perto do objetivo de alcançar 36 mil metros quadrados de Mata Atlântica, totalizando 12 mil m2 reflorestados no ano de 2014; • Conseguir a adesão de 100% de nossos clientes no patrocínio de árvores; • Concluir a Implantação das NRs.


Funcionamento

| compensação

Ação Plante

árvore Vamos recriar uma floresta! A Sigla, promove o plantio de árvores nativas voltadas ao restauro florestal e à conservação do meio ambiente, atrelados ao Programa Plante Árvore com o objetivo de compensar emissões de Gases do Efeito Estufa – GEE das obras da Sigla. A ação é realizada de forma voluntária e está fundamentada dentro do conceito social, ambiental e econômico; tem como objetivo contribuir

com toda a sociedade no que se refere ao apoio a projetos socioambientais, a partir do plantio de mudas de árvores nativas.

COMPROMISSO SIGLA

A cada obra, destinamos uma verba inicial para plantio de mudas, em parceria com o Instituto Brasileiro de Florestas. O plantio de 36 mil metros quadrados está planejado inicialmente para o interior do Paraná. São cerca de 180 espécies diferentes que serão definidas de acordo com mapeamento realizado nas diversas áreas a serem reflorestadas. Comprometemo-nos a, plantar em local previamente escolhido, cotas de 1.500 m2 de árvores nativas determinadas conforme o porte da obra. O IBF se responsabiliza pelos cuidados dessas mudas durante 5 (cinco) anos, e também por enviar relatório técnico e fotográfico desse plantio durante os 5 (cinco) anos.

[ 10 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL

CO

2

CO 2


PATROCÍNIO Como parte da estratégia de difundir a consciência sustentável, o projeto convoca o cliente a patrocinar mais cotas de plantio de árvores, além das plantadas pela Sigla. O objetivo é que estes parceiros colaborem com o meio ambiente, tornando a ação mais abrangente. Este engajamento permite que a cultura seja pulverizada e o cliente da Sigla, que é grande formador de opinião qualificada, se torne o start para uma propagação da filosofia.

CO 2 CO

2

ECO QUALIFICAÇÃO A ação prática colabora com a criação da floresta, que está sendo criada com fins conservacionistas, contribuir na preservação da biodiversidade, conservação dos recursos hídricos e o sequestro de carbono. A qualificação de nossos parceiros é extremamente importante nesta ação, pois é formada por clientes e parceiros como arquitetos, empresas, engenheiros, ONGs, reconhecidos criando um movimento de multiplicação do conceito sustentabilidade. .

ÁRVORE ON-LINE Através de um programa participativo de educação ambiental e cidadania, a sociedade em geral também pode aderir à causa adotando mudas de árvores com a Sigla. Por intermédio de um banner no site da empresa, qualquer um pode adotar árvores certificadas, firmando a importância da relação do equilíbrio na natureza e as pessoas. O plantio da árvore pode ser acompanhado pela internet, basta acessar o site www.plantearvore.com.br, inserir o código de registro que é enviado no momento da adoção. Com isso, parceiros e simpatizantes aderem à filosofia, difundem e colaboram com a missão de PLANTAR, CONSTRUIR E TRANSFORMAR.


Funcionamento

| reciclagem

Destinação responsável do entulho Tudo se transforma. A ordem é reciclar! A falta de um serviço de coleta seletiva adequado e a ausência de estrutura pública de áreas destinadas à disposição final de resíduos da construção civil torna urgente a implantação de políticas que diminuam o volume dos resíduos sólidos produzidos pela empresa. A construtora buscou soluções para o problema, como o fortalecimento do processo de reciclagem e destinação adequada com um sistema de coleta seletiva e destinação responsável dos detritos gerados durante o processo construtivo.

Esta ação já reduz em 80% a destinação de entulho gerado nas obras para aterros e possibilita a reciclagem consciente.*

Resíduos classe A de alvenaria, concreto, argamassas e cerâmicos recebidos na ATT Multilix são transferidos para a unidade de reciclagem da CBR, na qual são britados e transformados em agregados reutilizáveis em serviços de pavimentação e em concretos não estruturais.

A Multilix e a LC Transportadora, especializadas em transporte e transbordo, triagem e destinação de resíduos da construção civil, são responsáveis por certificar, por meio do DDR (Documento de Destinação de Resíduos) e DTR (Documento de Transporte de Resíduos), reconhecidos pela CETESB, que o entulho seja reciclado. A empresa recebe resíduos da construção civil, conforme Resolução CONAMA nº 307/2002, coletados e transportados em caçambas estacionárias de 4 m³, faz o recebimento e a segregação para formar cargas diferenciadas de resíduos de acordo com seu tipo.

* Dados da Empresa Multilix: www.multilix.com.br [ 12 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL


MADEIRA

Os resíduos de madeira são triturados para produção de cavacos - úteis como combustível (biomassa) em fornos cerâmicos e caldeiras industriais.

GESSO

Em relação à destinação dos resíduos de gesso, é feita cuidadosa triagem, separando dos demais resíduos, para destiná-las a cimenteiras, para sua reutilização, em substituição a gipsita natural, na fase final da produção do cimento, em que é feita a moagem do clínquer.

PAPEL, PLÁSTICO E METAIS

Os resíduos de papel, plástico e metal são triados e acondicionados separadamente para formação de cargas mais volumosas, considerando a necessidade de destiná-los aos respectivos recicladores ou, ao menos, a empresas que façam de modo ambientalmente adequado e formal, a concentração de tais cargas em lotes que possibilitem sua valorização em conformidade com o tipo específico de resíduo concentrado.

VIDRO E OUTROS

Para resíduos cujo mercado e potencial de valorização são mais restritos como: vidros laminados, isopor, lã de vidro, lã de rocha, desenvolvemos soluções de destinação ambientalmente compromissadas.


Funcionamento

| canteiro de obras

Programa

Obra Responsável Não existe sustentabilidade sem a preocupação com o próximo

Cultura do uso de EPI Apesar das leis e normas técnicas para uso de equipamentos de segurança as construtoras se deparam com a falta de consciência dos operários. O grande desafio é educar e fiscalizar o uso. Este processo é complexo e engloba fatores como a resistência natural do indivíduo, comunicação adequada, assimilação, incorporação da rotina e a fiscalização. Uma construtora é essencialmente feita de pessoas, são elas que movem a máquina corporativa e erguem os projetos, por isso valorizar o colaborador faz parte da alma da Sigla Construtora. A Sigla procura a cada dia se adequar às normas NR e disseminar procedimentos, assumindo responsabilidades com cada colaborador no canteiro de obras. Programa de conscientização por meio de treinamento, orientação e informação dos trabalhadores da Construção Civil, elaborado por meio de uma linguagem de fácil compreensão, visando à adoção de práticas seguras dentro dos canteiros de obra.

[ 14 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL

Os objetivos do programa são despertar a importância para os colaboradores do canteiro de obras do uso dos EPIs para sua saúde e para a empresa, para isso a Sigla se apoia a ações como: • Desenvolvimento de material didático de fácil entendimento e compreensão dos operários da Construção Civil; • Realização de treinamento de trabalhadores da Construção Civil e aplicação a norma regulamentadora nº 18/35 (NR-18/35), na própria obra; • Proporcionar a conscientização aos trabalhadores, a fim de que eles se protejam adequadamente na realização do s eu ofício, e também saibam organizar o ambiente de trabalho; • Fornecimento de todo equipamento individual conforme a norma.


Programa Obra Limpa Quem suja limpa, o responsável educa, quem limpa conserva e quem usa zela

Este é o conceito principal para o sucesso deste programa. Criar o hábito na empresa do trabalho limpo. Este é um processo educativo que possibilita a mudança cultural das pessoas na organização, com o objetivo de uma vida harmônica no trabalho. A motivação do pessoal é um dos pilares mais importantes para o engajamento. Com este programa há uma melhora na organização do canteiro e melhores condições do ambiente de trabalho para todos, isto contribui para o aumento da produtividade e a redução dos desperdícios nas obras. Esta ação está em sua primeira fase de implantação, com a criação de material didático para apoio a transferência de informação aos operários e o treinamento dos gerentes de obra e engenheiros.

Compra responsável

A Sigla tem o comprometimento em exercer a sua responsabilidade e influência para dar preferência à compra de materiais de fornecedores e prestadores de serviço que utilizem processos de fabricação mais limpos, produtos de procedências licenciadas isentas de determinadas características danosas ao meio ambiente. Veja algumas iniciativas e indicações de compra:

- Madeira certificada; - Preferência por tintas com baixo índice de VOC; - Tapume de metal reciclável; - Proteção reciclável para piso; - Cimento certificado pelo Cement Sustainability Institute, ISO 14001, ISO 50001; - Sistema de ar condicionado VRF/gás ecológico; - Piso auto drenante;

A boa prática

- DESCARTE: Descartar objetos sem uso - obsoletos; - ORGANIZAÇÃO: Arrumar as coisas em locais apropriados visando aumento de eficiência; - LIMPEZA: Manter o ambiente limpo, cuidar da manutenção; - DISCIPLINA: Manter a rotina dos itens anteriores.

- Painéis de energia solar; - Revestimentos ecológicos.


AÇÃO

[ 16 ]

S IGLA SUS T ENT ÁVEL

| inovação


INOVAR,

empreender Agir para sair da zona de conforto

Tomar a iniciativa, buscar soluções e principalmente disseminar a filosofia sustentável. Em 2009, segundo o IBGE, eram mais de 109 mil empresas do setor e apenas uma pequena parte se propõem a ser sustentável. Em um cenário como o atual, ser pioneiro e inovar não demandam grandes ideias, demanda agir com responsabilidade; PLANTAR, COLHER E TRANSFORMAR.

Dificuldades

Em abril de 2011, foi dado o início à primeira fase do programa de sustentabilidade com o trabalho de pesquisa e desenvolvimento de fornecedores para a viabilização das ações sustentáveis como, por exemplo, a coleta e a destinação correta do entulho gerado na obra ou na hora de encontrar um BOM PARCEIRO para compensar o CO2. O mercado é ainda muito novo. As alternativas são poucas, empresas certificadas menos ainda e o poder público, na prática, não dá recursos e opções que atendam às mínimas demandas. Falando especificamente do Brasil, uma das maiores dificuldades para implementação da sustentabilidade no setor da construção civil diz respeito à falta de iniciativas públicas de infraestrutura e visão de todo um setor de nossa economia e do nosso humilde futuro.

CONQUISTAS

· Esta ação já reduz 80% a destinação de entulho gerado nas obras para aterros e possibilita a reciclagem consciente; · Já destinamos corretamente mais de 1800 caçambas em um ano de implantação do projeto, aproximadamente 7.500m³ de detritos sólidos coletados nas obras que deixaram de ser despejados em aterros; · Já temos plantado 9000 m2 de mata nativa; · Propagação da filosofia entre colaboradores e clientes.

Se você tem metas para um ano, plante arroz; Se você tem metas para 10 anos, plante uma árvore; Se você tem metas para 100 anos, então eduque uma criança; Se você tem metas para 1000 anos, então preserve o meio ambiente. Confúcio


CASES

| concluída

Sinergia entre

projeto e execução

Esta obra no Jardim Europa, em São Paulo, demonstra bem como um projeto e a execução de uma obra podem se complementar, quando se fala de sustentabilidade. Nesta construção, uma das obras piloto do Plano Obra Sustentável Sigla, o processo construtivo sustentável, com a destinação correta dos detritos, a compra responsável e outros tópicos do plano se uniram a um projeto preocupado com a interação com a natureza, o aproveitamento da luz natural e o uso de materiais reciclados e tecnológicos, permitiram um resultado belíssimo.

[ 18 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL


CASES

| em andamento

“Ter um projeto saudável, claro, termicamente confortável e que gaste menos água e energia fica ainda melhor quando a execução da obra é alinhada aos conceitos de sustentabilidade. Uma construtora que pensa em otimizar o uso de matéria prima, trazer soluções de processos e materiais, destina os detritos e ainda compensa o Co2 da obra, valoriza o empreendimento e nos deixa mais perto de sermos sustentáveis mesmo que o projeto não tenha uma preocupação original quanto a soluções “limpas”. A iniciativa da contrutora nos faz pensar mais na viabilização, com o cliente, de projetos sustentáveis.” Eng° Mario Moriya

1.500m reflorestados 2

Bar Joaquim Antunes

[ 20 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL


Algumas das ações: · Plantio inicial de cotas de 1.500m2 de Mata Atlântica; - As caçambas de entulho da obra destinadas corretamente com 80% de reciclagem; - Reservatório para reaproveitamento da água para operação de perfuração do solo. Economia de 5000 litros diários durante vinte dias nos serviços de fundações tipo estaca raiz, totalizando economia de 100 mil litros na operação; - Opção por estrutura metálica devido a redução de entulho, eliminação das formas em madeira, eliminação do escoramento em madeira, reaproveitamento 100% de qualquer material da estrutura que precise ser retirado; - Especificação do projeto de revestimento acústico de lã de PET, benefícios: 100% reciclável, menor custo no transporte, não cancerígeno; - Os tapumes de obra metálicos para reaproveitamento e futura reciclagem; - Uso consiente da massa de cimento portland e reciclagem; - Coleta seletiva de lixo na obra.


Diretoria Sigla

Engº Sergio Francisco Engª Adriana Lavieri

Jonathan C. de Vasconcelos Raphael da Silva Santos Gabriel Mariano de Melo

Projeto e implantação

Coordenador

Equipe Administrativa Sigla

Editorial

Engº Dejan Rodrigues

Equipe Técnica Sigla Engº Engº Engº Engº Engº Engº Engº

André Cavaggione José Alessandro Ceresa Mario Moriya Mikhail Vereiski Paulo Cesar Arruda Ricardo Cossermelli Robert H. B. de Souza

Equipe Estagi[arios

Lucas de Souza Rui Cano

Andreia Luiza Claudia Luciana Correa Erica Sousa Juliana Moriia Julisa de Cássia Amanda Machado Silvestre Lilian Barbosa de Albuquerque Raissa Gomes de Araújo Gilberto Viana

Coordenação

Tatiana Pereira

ESTA PUBLICAÇÃO

A revista foi concebida para ser uma maneira agradável do leitor conhecer nossas soluções para as questões de sustentabilidade, conforme requisitos do Prêmio Planeta Casa da Revista Casa Claudia da Editora Abril, ao qual a Sigla Construtora foi especialmente convidada a participar.

[ 22 ]

SIGLA SUS T ENT ÁVEL

Romano Comunicação e Design Sustentare Ecosocial José Rosa

Fotografia

Marcelo Romano

Parceiros Multilix IBF SOC


S.O.C.


PLANTAR CONSTRUIR E TRANSFORMAR

Romano Comunicação e Design: 11 9 6613-0909

MISSÃO Implementar projetos e desenvolver métodos construtivos que permitam ajustar custos e cumprir prazos dentro das expectativas com o máximo de qualidade e satisfação do cliente. Agir de forma responsável visando a interação entre pessoas, meio ambiente e resultados.

Rua Dr. Diogo de Faria, 1158 - 11 3459- 8407 - 04037-003 - São Paulo - SP - www.siglaconstrutora.com.br

Projeto Obra Sustentavel  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you