Issuu on Google+

Universal dá prêmio a pastores Mais denúncia contra a Igreja Universal do Reino de Deus. Vídeos obtidos de um ex-pastor revelam que a instituição premia os pastores que mais arrecadarem com uma viagem a Israel. Bispo controla a receita com 'mão de ferro'. > B-6

edição PRIMEIRA

Mega-Sena vai a R$ 20 milhões Ninguém acertou a Mega-Sena deste sábado (19). Acumulado, o prêmio desta 4ª feira (23) deverá ser de R$ 20 milhões. As dezenas sorteadas foram 14,21,27,31,35 e 50. A Quina vai pagar R$ 34.335,73 a 44 acertadores.

Ano 7 | Edição 368 | Maceió, Alagoas, 21 a 27 de junho, 2010 | R$2,00

BRASIL 3 x 1 COSTA DO MARFIM

E A SELEÇÃO JÁ ESTÁ NAS OITAVAS Luís Fabiano desencanta e faz dois gols; Kaká reage à aspereza dos africanos, é expulso e desfalca equipe contra Portugal Terra

Seis partidas sem marcar, Luís Fabiano desencantou e fez dois, assegurando a vitória do Brasil

Jogadores brasileiros comemoram o gol de Elano, o terceiro da Seleção contra os africanos

Costa do Marfim já era. Com dois gols de Luís Fabiano e um de Elano, a Seleção brasileira venceu a representação africana neste domingo por 3x1 e já está nas oitavas de final. No 2º tempo, a Costa do Marfim abusou do jogo violento. Açodado, Kaká reagiu, acabou expulso e será o desfalque contra Portugal, nesta sexta-feira (25). Na manhã desta segunda (21), a seleção portuguesa decide sua sorte na Copa enfrentando o valoz time da Coréia do Norte. > ESPORTES

CALAMIDADE PÚBLICA EM ALAGOAS Secom / Thiago Sampaio

Uma tragédia. É a palavra exata para definir o drama provocado pelas enchentes que atingiram 21 municípios alagoanos neste final de semana. O saldo parcial: 10 mortos, 70 mil desabrigados, várias pessoas desaparecidas, cerca de 1.130 casas destruídas. As situações mais graves decorreram do transbordamento dos rios Canhoto, Mundaú e Camaragibe. Centenas de casas foram destruidas em Quebrangulo, talvez a cidade mais castigada. O Corpo de Bombeiros Militar (sediado em vários pontos de Maceió e no interior) está arrecadando donativos para assistir milhares de alagoanos que se acham desabrigados. > A-4

Governador pede socorro Sábado à tarde, após sobrevoar as áreas atingidas, em companhia de dois ministros e do comandante do Exército em Alagoas, o governador Teotonio Vilela decretou estado de calamidade em 14 cidades situadas nos Vales do Mundaú e Paraíba. Nesta terça-feira (22) Vilela, que falou ao telefone com Lula, viaja a Brasília para pedir socorro ao governo federal. A assessoria do governo informou que ainda não há como calcular os prejuízos materiais. > A-4

As enchentes atingiram pelo menos 21 municípios alagoanos; a foto mostra o cenário pavoroso da cidade de Rio Largo inundada pelo rio Mundaú

Fogos - como prevenir acidentes

Márcio Ândrei

Apoio de Cícero a Vilela é uma 'tendência natural'

> A-3

Costa não crê que taturanas fiquem de fora das eleições

> A-2

Vacina contra gripe suína gera 'imunização passiva'

> A-4

Renan libera novos recursos para tocar obras da AL-101

> A-2

Com a chegada dos festejos juninos e da Copa do Mundo, cresce a queima de fogos de artifício - atraentes, mas perigosos. A regra, que deve ser cumprida à risca pelos comerciantes do ramo, é não vendê-los a crianças. Perito do Corpo de Bombeiros Militar diz como evitar acidentes > A-5

Serra responde mentiras com verdades sobre rivais

> A-8

Fale conosco | Redação: (82) 3033.3502 | Comercial: (82) 3033.2189 | Atendimento ao assinante: (82) 3033.5213 | Internet: http://www.primeiraedicao.com.br


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

A2 | Política

> EXPECTATIVA

Costa não crê na inelegibilidade de taturanas Advogado cita TSE e Constituição e diz que punição só pode ser aplicada com sentença condenatória transitada em julgado A expectativa da sociedade alagoana, de que os deputados envolvidos na Operação Taturana sejam julgados, condenados e alijados das eleições deste ano, poderá não ir além de profunda frustração. Indagado sobre se os denunciados pela Polícia Federal, na Operação Taturana, poderão ser declarados inelegíveis (se condenados pelo juiz Gustavo Lima) o advogado José Costa, especialista em Direito Eleitoral, respondeu que não e recorreu a recente decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). - No último dia 10 de junho -

disse José Costa - o TSE, respondendo a consulta formulada pelo Senador Artur Virgílio, disse "não" a essa pergunta. Só as condenações colegiadas têm esse efeito. Acredito, entretanto, que essa é uma questão que terá que ser apreciada pelo Supremo Tribunal porque poderá ferir, em certos casos, o "princípio da inocência" (= "ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença condenatória"), que é garantia constitucional e, portanto, também cláusula pétrea. Vale dizer, insuscetível de modificação até por emenda constitucional. Arquivo

José Costa: “Ninguém é culpado sem o trânsito julgado da condenação”

Segundo Costa (que também é ex-deputado federal e vai concorrer a uma vaga de senador este ano) a nova Lei Complementar (No. 135/2010) é muito abrangente. Vai inclusive apanhar aqueles que abusarem do poder econômico e do poder político e aumenta para oito anos o período de inelegibilidade a partir da condenação. Ele acrescenta que "a nova lei homenageia a probidade e a moralidade administrativa. Atendeu ao clamor de milhões de brasileiros. O povo cansou de eleger bandido, que compra mandato eletivo apenas para não prestar contas de seus crimes à Justiça".

CANDIDATURA A sua candidatura do Senado está decidida? É um projeto irreversível? - A nível partidário, sim. O PPS considera algumas candidaturas ao Senado, como a do ex-presidente Itamar Franco, em Minas Gerais, importantíssimas para o Partido. Meu modesto nome foi também objeto de consideração pela Executiva Nacional e também me tornei candidato ao Senado. Preferentemente, espero estar na base partidária que apóia o governo de Teotônio Vilela e defende sua reeleição. A decisão é do Governador. Quanto à presidência da República, o Partido está firme com a candidatura de José Serra. Obviamente, eu também. Aliás,

sou o único candidato ao Senado, em Alagoas, a apoiar Serra.

SUCESSÃO - Qual a sua opinião em relação a sucessão estadual? E presidencial? - Hoje se apresentam como candidatos ao Governo de Alagoas o Senador Collor, o ex-governador Ronaldo Lessa e Teotônio, candidato que é à reeleição. No frigir dos ovos acredito que apenas duas candidaturas se manterão até o final. Tenho compromisso partidário com Teotônio. Para a Presidência da República voto no mais preparado, comprovadamente. Além disso não quero surpresas póseleição. Voto em Serra.

JULGAMENTO Indiciados no início de 2008, os envolvidos na Operação Taturana deverão ser julgados antes das eleições, com base na Lei de Improbidade Administrativa, mas não se sabe se, em caso de condenação, serão declarados inelegíveis. O julgamento estará a cargo do juiz Gustavo de Souza Lima (que destituiu os deputados que, em 2007, integravam a Mesa Diretora da Assembleia) e que teve sua suspeição invocada no Tribunal de Justiça, mas os desembargadores entenderam que não havia nada que o impedisse de prosseguir com o processo.

> AVANÇO

Renan anuncia a liberação de novos recursos para a AL-101

A atuação da bancada alagoana no Congresso Nacional, na última semana, foi das mais positivas de todo este semestre. A avaliação é do senador Renan Calheiros, destacando, entre outras conquistas, a liberação de novos recursos para a duplicação da AL-101/Sul e da pavimentação de um trecho de 17 quilômetros entre o Benedito Bentes e a AL-101/Sul, em São Luiz do Quitunde, e o prazo para reabertura do Hospital de Santana do Ipanema. "Foi uma semana marcada de boas notícias. Aliás, começamos a receber a confirmação do atendimento de alguns dos pleitos fruto do nosso trabalho parlamentar na sexta-feira da semana anterior (11). Naquele dia, à noite, o presidente Lula nos informou que havia sancionado a lei prorrogando a subvenção econômica aos pequenos e médios produtores de cana-de-açúcar do Nordeste", re- Em Arapiraca, Renan Calheiros participa da solenidade de assinatura de obras de infra-estrutura na cidade corda Renan. Mas as boas notícias não A lei do perdão das dívidas "Outra medida de impacto Com a subvenção, o valor pago em caráter extraordinário foi a lei do perdão das dívidas também suspende até 30 de no- pararam por aí. "Na terça-feira, aos produtores de cana de Ala- dos pequenos agricultores de vembro deste ano as execuções 15" - prossegue o líder do goas e dos demais estados nor- Alagoas sancionada no mesmo judiciais que estavam criando PMDB -, "depois de ocupar a destinos é de R$ 5 reais por to- dia", lembra Renan. Com a no- verdadeiro ambiente de terror Tribuna do Senado para pedir nelada, no limite de até 10 mil va lei, segundo ele, ficam per- para os agricultores. "Uma exe- ao presidente Lula que não toneladas (o equivalente a R$ doadas as dívidas cujos saldos cução absurda que não colabo- vetasse o reajuste de 7,72% dos 50 mil) por produtor. Para o devedores sejam de até R$ 10 rava com uma solução. Ao con- aposentados, recebemos a conpresidente da Associação dos mil. Na mesma lei ficou autori- trário, agravava o problema, firmação do Palácio do Planalto Plantadores de Cana de Ala- zada a concessão de descontos condenando o pequeno produ- de que o reajuste tinha sido goas, Lourenço Lopes, "a sub- de até 85% para liquidar, até 30 tor rural a abandonar sua ativi- sancionado. Foi o maior auvenção é a melhor notícia dada de novembro de 2011, as opera- dade, com reflexos negativos à mento concedido aos aposentaaos produtores de cana de Ala- ções de crédito rural superiores economia das regiões mais po- dos que ganham mais de um salário mínimo desde 1995". bres", avalia o senador. a R$ 10 mil. goas neste São João".

Curso de Medicina da Ufal em Arapiraca Hospital é outra conquista destacada por Renan no balanço de atividades parlamentares da última semana foi a garantia do ministro da Saúde, José Gomes Temporão, durante audiência concedida à bancada alagoana, acompanhada do governador Teotonio Vilela, na quarta-feira, de um investimento de R$ 24 milhões para que o Hospital Regional de Santana do Ipanema entre em funcionamento dentro de 60 dias. Na quinta-feira, o líder do PMDB disse ter conversado com a reitora da Ufal, Ana Dayse, juntamente com o prefeito Lu-

ciano Barbosa, sobre a implantação do curso de medicina no campus da universidade em Arapiraca. "A Faculdade de Medicina em Arapiraca é um sonho da população do Agreste e de todos os alagoanos e vamos lutar para que ele se torne realidade o mais rápido possível", prometeu o líder do PMDB.

DUPLICAÇÃO DA AL-101 Na sexta-feira, quando participava da solenidade de assinatura de obras em Arapiraca, o senador foi informado da liberação de R$ 8 milhões 777 mil do Minis-

tério do Turismo para a continuidade das obras de duplicação da AL-101/Sul - de Barra de São Miguel a Maceió (R$ 5 milhões) - e a pavimentação da AL-105 entre o Benedito Bentes e a AL-101/ Norte, em São Luiz do Quitunde, na altura da Ponte da Flamenguinha (R$ 3 milhões 777 mil). Os dois trechos, segundo Renan, são fundamentais não somente ao desenvolvimento turístico como a outros segmentos da economia estadual. O senador espera que os recursos destinados à AL-101/Sul possam acelerar o ritmo das obras, para

que o tráfego entre Maceió e Barra de São Miguel deixe de ser uma via "via crúcis" a quem se deslocar de uma a outra cidade nos fins de semana e feriados. O trecho do Benedito Bentes à Flamenguinha é a continuidade dos trabalhos (a estrada já existe, falta o pavimento) de ligação do Aeroporto de Maceió ao Litoral Norte e atende a uma demanda cada vez maior por parte dos hoteleiros da região, que entende ser o transporte rodoviário, desde o aeroporto até Maragogi, fundamental para o crescimento turístico da região.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Política | A3

> JOGO SUCESSÓRIO Romero Vieira Belo

Enfoque Político Cícero - por que Vilela? Neste ano de sucessão estadual, o caminho de Cícero Almeida, lógico e provável, conduz a uma quase que inevitável aliança com Teotonio Vilela. Não se trata sequer de optar pelo melhor, de escolher o mais palatável. Trata-se, a rigor, de sua sobrevivência política. Ou, tanto faz, de seu futuro projeto político. Futuro, diga-se, adiado de 2010 para 2014. Em 2012, Almeida deve disputar uma vaga na Câmara Municipal apenas para não ficar sem mandato. Será uma função provisória. O mandato deverá mantê-lo em evidência na campanha, na eleição e depois. Depois porque, provavelmente, será um recordista de votos e poderá eleger três ou quatro vereadores, com sobra de legenda. Uma mini bancada. Mas o projeto pra valer será retomado dois anos depois, em 2014, ano de sucessão estadual. Aí, vem a questão: e por que Vilela, agora? Por que não Lessa ou Collor? Aí está. Por que apenas Vilela, daqui a quatro anos, não poderá ser adversário de Almeida. Ou seja, se der Collor, alguém tem dúvida de que em 2014 ele concorrerá a um novo mandato de governador? E não ocorrerá o mesmo com Lessa? Logo, o instinto de preservação não permitira que Almeida se alie a alguém que daqui a quatro anos estará mais fortalecido exatamente para enfrentá-lo nas urnas. Reeleito, Teotonio Vilela cumprirá o segundo mandato e, em 2014, deverá disputar ou o Senado ou a Câmara. Com mais trabalho, com mais obras, com mais realizações - será um aliado importante para levar Cícero ao governo, mesmo porque, dentro do PSDB, partido de Vilela, não existe uma liderança com bagagem para sucedê-lo. Nem no PSDB nem nos partidos aliados ou 'periféricos'. COMPENSAÇÃO

APELO DE RENAN

O governo vai cortar uma montanha de emendas parlamentares, para compensar o reajuste de 7,7% dos aposentados. Portanto, vai faltar dinheiro para determinadas obras anunciadas nos estados.

Na hora de decidir pelo aumento de 7,7% para os aposentados, Lula foi informado de que Renan Calheiros fazia um forte discurso, no Senado, pedindo que o presidente não vetasse o reajuste.

ABRINDO A METRALHADORA GIRATÓRIA Oficializada candidata do PSOL ao Senado, Heloísa Helena não poupou críticas aos presidenciáveis, exceção, claro, de Marina Silva. O PSOL apoiará a senadora do PV à presidência e disputará o governo estadual e cadeiras na Assembleia e Câmara, mas sem ambições. O objetivo central, a prioridade é uma só: garantir a volta de Heloísa ao Senado Federal. PEDEVISTAS FEDERAIS

MULTAS PARCELADAS

Pródigo em esbanjar a grana da viúva, o Senado acaba de aprovar projeto que reintegra 30 mil pedevistas da era FHC. Lula, no entanto, já avisou: "Estou lúcido". Traduzindo: veto na certa.

Mas o Senado tem seu lado bom: também aprovou projeto de Álvaro Dias instituindo o parcelamento, em seis vezes, de multas no trânsito. A medida ajuda a arrecadar e reduz a inadimplência.

TOLEDO BUSCA VERBA PARA PAGAR A RETROATIVO DE SERVIDORES O deputado Fernando Toledo está tentando transferir para a conta bancária do Poder Legislativo R$ 400 mil depositados indevidamente na conta de um ex-deputado. A batalha judicial se dá em Brasília. Se obtiver êxito, o presidente da ALE assegura que usará o numerário para pagar, de uma tacada, o retroativo referente ao PCCS dos servidores. AÇÃO SUBTERRÂNEA Aliados do vereador Dudu Hollanda avaliaram o quadro e concluíram: "Adversários estão agindo na surdina com duplo objetivo - desgastá-lo na presidência da Câmara desestabilizá-lo como candidato a uma cadeira na Assembleia Legislativa".

SEM EXCEÇÃO Apesar dos discursos cheios de eloqüência e cobertos de pregação ética, os deputados que integram a oposição na Assembleia foram flagrados com a mão na massa suja: todos, sem, exceção, receberam 15 ou mais verbas de gabinete apenas no exercício de 2009. Pode?

LEI DO FICHA LIMPA AINDA NÃO ESTÁ CLARA Ainda não está claro se a Lei do Ficha Limpa atinge, sem restrição, a quem já sofreu condenação em segunda instância judicial, não importando se a pena já foi ou está sendo cumprida. Valendo, também, a primeira hipótese, a nova legislação poderia impedir a candidatura de Ronaldo Lessa. Entre 2005 e 2006, ele sofreu condenação de 1ª instância ratificada pelo TRE e TSE. BRABO GARANTE

COM O PARTIDO

O advogado Brabo Magalhães, contudo, garante a elegibilidade de Lessa afirmando que ele só foi condenado em 1º grau por injúria e difamação assacadas contra o desembargador Orlando Manso.

Ninguém tem justificativa mais plausível do que Cícero Almeida para apoiar Téo Vilela: seu partido, o PP, presidido pelo deputado Benedito de Lira, fechou aliança com o PSDB do governador.

COLLOR DISPUTA OU INDICA VICE DE TÉO? E o Collor, entra ou não entra na corrida sucessória? Para a platéia, o senador petebista joga como candidato a governador, mas, nos bastidores, estaria articulando indicar o vice de Teotonio Vilela. Assim, permaneceria mais quatro anos no Senado, enquanto o vice por ele indicado cumpriria a missão de pavimentar a estrada para conduzi-lo de volta ao governo alagoano em 2014.

Apoio de Cícero a Téo Vilela passa a ser tendência natural Se der Collor ou Lessa, Almeida poderá ter de enfrentá-los na sucessão de 2014 Arquivo

O apoio do prefeito Cícero Almeida (PP) ao projeto de reeleição do governador Teotonio Vilela (PSDB), que poderá ser anunciado a qualquer momento, passou a ser uma tendência natural dentro do quadro sucessório alagoano, a partir do esfacelamento da 'frente de oposição' que começou projetando a candidatura de Almeida ao governo e acabou por trocá-lo pelo exgovernador Ronaldo Lessa. Aliados do prefeito maceioense enumeram pelo menos cinco razões que 'justificam plenamente' seu deslocamento para o grupo de Vilela que, no campo administrativo, vem mantendo uma parceria cada vez mais produtiva com a Prefeitura da capital. 1 - O PP, partido de Cícero Almeida, deixou o antigo 'chapão' e se compôs com o PSDB de Teotonio; 2 - A menos que tivesse rompido com o pre3sidente estadual de sua agremiação, Benedito de Lira, Almeida não teria qualquer motivação partidária para divergir de sua legenda; 3 - O PP, no plano nacional,

apoiar o senador Fernando Collor, que retirou o PTB do antigo 'chapão' para disputar o governo em faixa própria.

NÃO DEU

Cícero Almeida pode apoiar Vilela até porque o seu partido, o PP, já está lá

tende a assumir uma posição de neutralidade, o que ensejará a Cícero Almeida o direito de, se for o caso, manter seu apoio à candidata Dilma Rousseff; 4 - A não ser por motivação meramente circunstancial, Cícero Almeida não se sente na obrigação 'fechar' com Lessa, até

porque, como dizem seus aliados, o ex-governador trabalhou com afinco, em 2004, para impedi-lo de chegar á Prefeitura; 5 - Um dos grandes (talvez o principal) aliado político de Almeida, o industrial João Lyra, já não está no mesmo barco de Lessa, uma vez que deverá

Cícero Almeida até 'se balançou' para permanecer no barco com Lessa (sua fatia no bolo seria a indicação do candidato a vice-governador), mas essa tendência não se sustentou. Ou seja, o prefeito não digeriu o 'arrumado' preparado a quatro mãos, entre Maceió e Brasília, e que resultou em sua exclusão de uma disputa governamental que tinha tudo para ser vitoriosa. Alguns interlocutores dizem que o prefeito não quis questionar a fórmula aplicada no 'entendimento' entre líderes do antigo 'chapão' e o presidente Lula, mas nunca aceitou seu sacrifício. Esses personagens lembram que o prefeito poderia muito bem ter sido preservado, enquanto o ex-governador deixaria a disputa ao Senado para concorrer a um mandato de deputado federal.

MENSAGEIRO

Dirceu em Maceió ratifica apoio de Lula à candidatura de Lessa Divulgação

Na manhã deste sábado, 19, uma nova reunião, realizada no hotel Ritz Lagoa da Anta, em Mangabeiras, com participação dos principais líderes da Frente Partidária, ratificou o apoio do presidente Lula e do senador Renan Calheiros (PMDB/AL) à candidatura do pedetista Ronaldo Lessa ao governo do Estado. A novidade ficou por conta da presença do ex-deputado federal José Dirceu que, representando o posicionamento do presidente Lula, assegurou que "Ronaldo Lessa é o candidato ideal ao governo do Estado, comparando o modelo adotado pelo governo federal para avançar nas questões políticas e sociais". Dirceu afirmou que "Lula é figura certa no palanque de Lessa, marcando presença ao lado do líder do PMDB, Renan Calheiros". Na noite de sexta, o ex-deputado federal lançou o nome do petista Joaquim Brito a vice do ex-governador Ronaldo

Reunião do bloco de apoio a Lessa, com presença do ex-ministro José Dirceu

Lessa (PDT) e aproveitou para traçar os planos da aliança. O senador Renan Calheiros

foi taxativo ao dizer que preza pelo compromisso de todos que ali estavam presentes, honrando

a união do grupo e ressaltando que estar de mãos dadas nesse momento é uma questão de primeira ordem para que a Frente seja vitoriosa. Renan fez questão, ainda, de dissipar todas as especulações de que Ronaldo Lessa teria desistido de sua candidatura ao governo de Alagoas e garantiu que tudo não passa de especulações. Na reunião, Lessa disse que o apoio do presidente Lula e da pré-candidata à presidência, Dilma Roussef, "é muito importante para um resultado favorável no pleito deste ano e para o futuro de Alagoas". Estiveram presentes também à reunião, os deputados estaduais pelo PT Judson Cabral e Paulo Fernando dos Santos (Paulão), o deputado estadual Isnaldo Bulhões (PDT/ AL), o presidente estadual do PT, Joaquim Brito e o pré-candidato ao Senado Eduardo Bomfim.

PT indica vice de Lessa, PSOL oficializa Heloísa e Almeida fica ‘de fora’ que 'briga' com partido Arquivo

Ronaldo Lessa (PDT) já tem vice. Para compor sua chapa ao governo do Estado, o PT indicou o nome de seu presidente estadual, o urbanitário Joaquim Brito. A escolha ocorreu na sexta-feira (18) durante reunião que contou com a presença do ex-ministro José Dirceu, um dos expoentes do Partido dos Trabalhadores desde sua fundação. No encontro, o partido confirmou uma chapa com 25 candidatos a deputado estadual, e outra com cinco nomes para deputado federal, dentre eles o do delegado da PF José Pinto de Luna, que teve vetada sua pretensão de concorrer a uma vaga de senador. Ao discursar, José Dirceu (deputado federal por São Paulo e que foi substituído na chefia da Casa Civil da presidência por Dilma Rousseff) disse que Ronaldo Lessa é o candidato apoiado pelo PT,

Joaquim Brito é o vice de Lessa

mas ressalvou que Collor é peça importante no projeto de eleição de Dilma. Com a indicação do vice pelo PT, o prefeito Cícero Almeida fica em definitivo fora da composição que apóia Ronaldo Lessa para o governo de Alagoas.

Márcio Ândrei

Sem nenhuma surpresa, o PSOL oficializou a candidatura da vereadora Heloísa Helena para concorrer ao Senado da República. São duas as vagas, mas ela disputará sozinha para 'concentrar os votos', como explicou um aliado. A convenção do Partido Socialismo e Liberdade foi realizada na sexta-feira (18) no Centro de Convenções de Jaraguá. Fundadora do PSOL, Heloísa assumiu uma demanda com a direção nacional do partido ao decidir apoiar Marina Silva (PV) para presidente da República. O candidato oficial do PSOL à presidência, advogado Plínio de Arruda Sampaio, quer que a cúpula da agremiação se reúna para estudar a posição de Heloísa que "cria constrangimentos para a legenda". Além de Heloísa, o PSOL oficializou a candidatura de Mário Agra a governador e formou ainda chapas para

Heloísa: candidatura oficializada

concorrer à Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados, mas tendo como compromisso maior a eleição da vereadora recordista de votos em Maceió. Se eleita, Heloísa será substituída na Câmara Municipal pelo suplente Orival França.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

A4 | Cidade

Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Cidade | A5 Lídia Lemos

> FUROR DAS ÁGUAS

Miguel Goes

Márcio Ândrei

Cheia, mortes e destruição em Alagoas Dez mortos, centenas de casas destruídas e 70 mil desabrigados; governador decreta calamidade e pede socorro a Brasília fotos: Secom / Thiago Sampaio

Romero Vieira Belo Diretor Editorial

Cidades inundadas e destruídas compõem cenário crítico das enchentes; governador Téo Vilela (no destaque) decretou calamidade e pediu socorro ao governo federal

Cena dramática:jovens tentam sobreviver à enchente em União dos Palmares; nesta foto, bairro inteiro de União totalmente tomado pelas águas

Mais de 800 casas destruídas, dez mortes, cidades parcialmente submersas, 70 mil desabrigados e várias pessoas desaparecidas. Esse é o saldo parcial da tragédia que se abateu sobre Alagoas no final de semana em conseqüência das fortes chuvas caídas no Estado e de inundações provocadas por rios que transbordaram no vizinho Estado de Pernambuco. As primeiras mortes foram registradas em Quebrangulo e Branquinha, duas das cidades mais atingidas pelas águas. A Defesa Civil Estadual informou que as enchentes atingiram 21 municípios, quase todos localizados nos Vales do Paraíba e Mundaú. Depois de sobrevoar as regiões devastadas, o governador Teotonio Vilela, que já havia decretado estado de emergência, assinou decreto de calamidade pública nos municípios em situação crítica. Vilela sobrevoou as áreas inundadas em companhia dos ministros Márcio Fortes, das Cidades, e João Santana, da Integração Nacional, e do comandante do Exército em Alagoas, tenente-coronel Cristiano Sampaio. O decreto de calamidade pública sairá publicado no Diário Oficial desta terça-feira, dia em que o governador viajará a Brasília para pedir ajuda ao governo federal. No sábado, Vilela falou pelo celular com o presidente Lula, a quem fez um relato da dramática situação e solicitou socorro urgente. Considerando a situação constatada pela Defesa Civil,

Bombeiro coleta doações para assistir desabrigados Os donativos poderão ser entregues nas sedes dos quartéis da capital e do interior:

Usina Laginha, do industrial João Lyra (localizada em União dos Palmares) ficou totalmente inundada; prejuizos causados pelas águas são inestimáveis

prevê-se que o número de desabrigados será muito maior do que o divulgado neste domingo. A Secretaria Estadual de Saúde prepara um plano emergencial para distribuir remédios com as populações atingidas, a fim de evitar surtos de doenças, principalmente de leptospirose. O Corpo de Bombeiros de Maceió iniciou uma coleta de donativos para assistir às vítimas. O cenário é trágico em Quebrangulo, onde centenas de casas foram arrasadas pelo furor das águas. Dada a dimensão da tragédia, as operações de resgate estão sendo coordenadas pela Defesa Civil do Estado com o apoio do Exército, Aeronáutica e toda a estrutura do governo. O secretário executivo da Defesa Civil de Alagoas, major Dednildson Queiroz, informou que foram contabilizadas 35 mil pessoas desabrigadas e mais de 70 mil pessoas afetadas pelas chuvas. "Não iremos divulgar o número de desaparecidos porque as informações partem de vários lugares e, neste momento, é impossível checar todas elas." As inundações foram provocadas pela elevação do nível dos rios Mundaú, Canhoto e Camaragibe. Do total de mortes em Alagoas, uma foi registrada em Paulo Jacinto, outra em Joaquim Gomes, duas em Branquinha e seis em União dos Palmares. Em conseqüência das enchentes, a Secretaria Estadual de Infra Estrutura informou que o governador Teotonio Vilela cancelou a inauguração dos primeiros 180 apartamentos construídos pelo Projeto de Urbanização Integrada do Vale do Reginaldo, que seria realizada na manhã deste domingo (20).

Capital: - 1º Grupamento de Bombeiros Militar (1º GBM) - Rodovia 316, Km 14, Tabuleiro dos Martins, próximo a Policia Rodoviária Federal, 3315-2900 / 3315-2905. - Grupamento de Socorros de Emergência (GSE) - Conjunto Senador Rui Palmeira, S/N, 3315-2400. - Subgrupamento Independente Ambiental (SGIA) - Av. Dr. Antônio Gouveia, S/A, Pajuçara, próximo ao Iate Clube Pajuçara, 3315-9852. - Quartel do Comando Geral (QCG) - Av. Siqueira Campos, S/N, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária, 3315-2830. - Defesa Civil Estadual

(CEDEC) - Rua Lanevere Machado n.º 80, Trapiche da Barra, próximo a Pecuária, 3315-2822 / 3315-2843. - Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) - Av. Assis Chateaubriand, S/N, Pontal, próximo a Braskem, 3315-2845. Interior: - 2º Grupamento de Bombeiros Militar - Maragogi, (82) 32962026 / 3296-2270. - 6º Grupamento de Bombeiros Militar - Penedo, (82) 3551-7622 / (82) 3551-5358. - 7º Grupamento de Bombeiros Militar - Arapiraca e Palmeira dos Índios, (82) 3522-2377, (82) 34212695. - 9° Grupamento de Bombeiros Militar - Santana do Ipanema e Delmiro Gouveia, (82) 3621-1491 / (82) 3621

Tenente Thiago dos Santos recomenda lei instruções nas caixas dos fogos

Adriana Vieira: “Em caso de queimadura, não colocar nada, apenas lavar”

Ricardo Gomes diz que Copa do Mundo ajudar a dobrar a venda de fogos

> ADVERTÊNCIA

Fogos juninos podem causar tragédias

Riscos aumentam com jogos da Copa do Mundo; perito do Corpo de Bombeiros recomenda ler instruções para evitar acidentes Márcio Ândrei

Luciana Martins Repórter

Comemorado nos quatro cantos do Brasil, os festejos juninos ganham grande expressão na região Nordeste. Quadrilha, forró, traje matuto, fogueira e muitos fogos que, segundo a crença popular, são usados durante a festa para "despertar" São João e chamá-lo para as comemorações de seu aniversário. Mas o que parece uma ingênua brincadeira, sem os devidos cuidados, pode resultar numa explosão de problemas. O oficial vistoriante do Corpo de Bombeiros, tenente Thiago Hilário dos Santos, revela que a grande preocupação da corporação é com os fogos de artifício, especialmente com o manuseio de explosivos. A norma ditada pelo CB exige que se observe a classificação dos explosivos com indicativos das faixas etárias. Os fogos são classificados em quatro tipos: classe A - que é para crianças até 12 anos; classe B- de 12 a 18 anos; classe C- adultos acima de 18 anos e classe D - são as girândolas (fogos utilizados para show pirotécnico). "Para os menores, a compra dos fogos só pode ser feita acompanhada pelos

pais ou por um adulto", alerta o tenente. Ele também recomenda que se leia o manual de instrução dos fogos. "O perigo do fogo de artifício é você não ler corretamente o que diz a embalagem porque nela estão todas as informações de distância, manuseio e segurança para soltar o explosivo". O tenente afirma que, se o adulto for consciente e fizer a leitura das informações, não haverá problemas. "O que acontece é que as pessoas não sem instruem e usam os fogos inadequadamente". Para evitar acidentes, o perito orienta no sentido de que os pais e responsáveis estejam sempre supervisionando seus filhos, independente da intensidade do explosivo. Para os adultos, a ordem é "observar as instruções dos fogos e não misturar bebida alcoólica com a brincadeira". O oficial ainda alerta para que as pessoas "comprem fogos em lugar previamente autorizado ou certificado pelo Corpo de Bombeiros". Para identificar se o lugar é regularizado o cliente pode solicitar o certificado de aprovação do CB que é um comprovante de que o estabelecimento tem a certificação. "As barracas da praia da avenida, do

limpo, pode ser um lençol, uma toalha, e procura o atendimento médico". As queimaduras podem ser de 1º, 2º e 3º grau. A de primeiro grau é aquela que fica apenas vermelha, como se fosse uma queimadura do sol. Se surgir uma bolha nesta queimadura, ela já muda de classificação e se torna queimadura de 2º grau. Já a de 3º grau, a área já fica mais endurecida, esbranquiçada. Mesmo com uma pequena estatística, os fogos de artifício ainda causam queimadura sérias, como a de um garoto de 6 anos da cidade de Maragogi, que deu entrada no HGE na última quinta-feira, 17, vítima de fogos de artifício. O garotinho está com queimadura de 2º grau na face. Barraca de fogos na Av. Duque de Caxias: ordem é não vender a menores de idade desacompanhados dos pais

barro duro e os armazéns que já existem, são certificados, mas se o cliente quiser, ele pode exigir". Em caso de acidentes a população pode ligar para o SAMU (192) ou para Corpo de Bombeiros (193).

O QUE FAZER EM CASO DE QUEIMADURAS

A enfermeira Adriana Vieira, da unidade de queimados do

Hospital Geral do Estado (HGE) explica que em caso de queimadura não se deve colocar nada em cima do ferimento, nem pomada, nem manteiga. "É lavar a área com água corrente. "A água deve estar em temperatura corrente. Nada de água gelada porque ele também acaba queimando". Após a lavagem, deve-se proteger a região com pano lim-

po porque, segundo Adriana, o vento também estimula a dor. "Feito esses primeiros socorros, o queimado deve procurar a unidade de saúde mais próxima". A orientação serve para todo o tipo de queimadura, garante a enfermeira. "Pode ser um grande queimado, coloca ele debaixo do chuveiro, não coloca nada em cima, protege com um pano

CAMPANHA

Governo deflagra ação contra as drogas A Campanha Estadual de Combate às Drogas estará com ações educativas direcionadas à população a partir desta segunda-feira 21. Em solenidade marcada para às 11h, no Shopping Maceió, os secretários Paulo Rubim (Defesa Social), e Jardel Aderico (Promoção da Paz), vão comandar o início dos trabalhos.

O secretário Paulo Rubim vai transferir as atividades de sua pasta para um estande no shopping onde a coordenação da campanha estará com ações educativas direcionadas à população. Com uma equipe multidisciplinar, a Secretaria de Promoção da Paz e da Defesa Social estarão realizando palestras sobre o uso

abusivo das drogas. Haverá distribuição de panfletos explicativos, atendimento à população, exibição de filmes educativos, exposição de viaturas dos órgãos de segurança pública e orientação às famílias que têm problema com a dependência química. Com o slogan "Chega de Violência, Alagoas pede Paz", a

campanha pretende prevenir o uso de drogas e alertar à população sobre as consequências causadas por essa prática para todas as camadas da sociedade alagoana, principalmente aos jovens e estudantes das escolas das redes pública e privada. De acordo com o coordenador estadual da campanha, Ke-

ginaldo Paiva, a Secretaria de Defesa Social vai fazer a distribuição de cartilhas com a rede pública e particular de ensino contendo informações de forma clara, objetiva e com linguagem simples, sobre o perigo do uso dos mais variados tipos de drogas e as conseqüências na vida do usuário e de sua família.

PARA TODOS OS GASTOS E BOLSOS

Ricardo Gomes, proprietário de uma barraca de fogos, diz que os fogos de artifício são muito procurados nesse período também devido aos jogos da Copa do Mundo. "Com o Mundial, a gente consegue dobrar as vendas. A procura é muito maior". As bombas mais vendidas são para crianças. traque, estalinho de bebé, chuvinha estão entre as mais vendidas". Ricardo conta que mesmo sendo de criança é bom que os pais estejam por perto observando seus filhos. Além disso, ele garante que a venda de qualquer tipo de fogo de artifício só é feita para adultos. "Criança só acompanhada dos pais". Os valores das bombinhas variam de R$ 0,50 a R$ 800,00. As grandes novidades deste ano são o aviãzinho, abelhinha, salto de pára-quedas, ranzinha, mariposa, ovinho marciano, coração colorido e mico louco. Todos os lançamentos são para crianças até 12 anos.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

A6 | Cidade

> ENTREVISTA/ ANTÔNIO CARLOS LESSA Geraldo Câmara

Ouvidor Geral geraldocamara@gmail.com

Sujou para os ficha-suja Fui dos primeiros a criticar a Lei dos Ficha-Suja ou dos Ficha-Limpa, sei lá, tanto faz como tanto fez. Porque ela só iria servir para os daqui pra frente e ainda passava a mão na cabeça de muita gente. Mas aí vem o STJ e diz para o que veio, colocando pingos nos "iis", dando nome aos bois, querendo dar validade à vontade do povo que é a de moralizar as eleições neste país e, um dia, haverá de consegui-lo. Claro que muita água ainda vai rolar por baixo da ponte, lógico que muito recurso ainda vai aparecer, mas só o fato de inibir alguns sujos a se sujeitarem a deixar seus nomes expostos à execração pública, já é um grande passo da sociedade e da democracia. Então, sujou para eles. Porque vai ficar muito mais difícil ter que fazer campanha política defendendo-se do indefensável. Muitos, que ainda não tiveram condenação, vão escapar, mas as condenações virão e logo, logo, o tempo vai dizer ao tempo quanto tem o tempo e que tudo com tempo tem tempo. É só aguardar e acreditar que ainda seremos um país sério, bem ao contrário do que dizia, com razão, o velho estadista francês Charles de Gaulle. Ainda seremos um país onde os maus políticos não terão vez nem voz, porque serão minoria ou espécie em extinção. Isto tudo, porque chegará o dia em que o povo aprenderá definitivamente a votar, o voto não será obrigatório e os conscientes estarão depurando o sistema para gáudio e felicidade de nossos netos e bisnetos. É por isso que dou um passo atrás e afirmo que o STJ, e mais tarde o STF, estão cavando as covas dos FichaSuja, onde deverão ser sepultados e isolados da vida pública brasileira.

DESTACÔMETRO O destaque da semana vai para o apresentador da TV Mar, Canetinha, não só por sua bela e combativa atuação, mas, porque na última sexta, 18 de junho ficou mais velho. Segundo ele, mais bonito.

OUVIDOR GERAL OUVIU... ...que nesta segunda-ffeira (21), colaboradores do SEBRAE/AL estarão em Maribondo (AL) levando informações sobre empreendedorismo e gestão de negócios e esclarecendo dúvidas dos empreendedores da região. O objetivo é oferecer atendimento gratuito e orientação empresarial para aqueles que querem montar seu próprio negócio ou melhorar a qualidade de sua empresa. Na programação do evento estão palestras, oficinas e cursos que abordam assuntos como Jovem Empreendedor, gestão ambiental, motivação organizacional, elaboração de currículos, associativismo, qualidade no atendimento, linhas de crédito e técnicas de vendas, entre outros. ...que agricultores familiares e compradores participarão, na próxima terça-feira (22), do II Seminário de Inovação no Agronegócio. Pra quem quer plantar conhecimento e colher bons negócios, que será realizado no auditório do SEBRAE/AL. O objetivo do evento é estimular os agricultores familiares a desenvolverem estratégias de promoção mercadológica e de oportunidades de negócios, sempre visando à agricultura ecologicamente sustentável. Cerca de 200 pessoas devem participar do seminário, que conta com uma programação de painéis de discussão que tratam de temas como "Desafios e tendências", "Experiências de sucesso" e "Acesso ao crédito no agronegócio". ...que no mês do Meio Ambiente, o IMA realizou a entrega do prêmio Destaque Ambiental e um dos homenageados foi o empresário Geraldo Gomes de Barros Neto, um dos diretores da Usina Seresta. Este ano o prêmio, que homenageia os alagoanos que se destacaram com ações em defesa da natureza, fez parte das comemorações do 21º aniversário do Batalhão de Polícia Ambiental. O empresário, agradecido pelo prêmio, falou da certeza de estar no caminho certo pelo empenho da Seresta para que os trabalhos realizados em prol do meio ambiente fossem reconhecidos. ...que o Procon está realizando o 1º Seminário de Acessibilidade nas Relações de Consumo, que acontecerá hoje dia 21 de junho (segunda-feira), no auditório da Faculdade Fits, das 8h às 12h e das 14h às 18h. A ex-presidente da ADEFAL e atual vereadora por Maceió, Rosinha da Adefal, será a primeira palestrante, às 9:30h, e abordará o tema "Acessibilidade é investimento e não caridade - porque a pessoa com deficiência também é cidadão consumidor". Bela iniciativa do Rodrigo Cunha, leia-se Procon. ...que uma das grandes tendências do turismo mundial, o de base comunitária, vem sendo implementado pelo Instituto Magna Mater (IMM) - dedicado a promover ações nas áreas de turismo, cultura e meio ambiente - numa comunidade de uma das mais belas praias de Alagoas. O projeto Tramas em Riacho Doce tem por objetivo capacitar a comunidade para o atendimento e um melhor aproveitamento da oferta turística; a criação de serviços associados; a venda dos seus produtos; o planejamento do uso sustentável de seu território; a promoção da sustentabilidade econômica e cultural local e o enriquecimento do destino turístico, com um roteiro diferenciado. ...que está sendo triste a situação de 14 municípios alagoanos atingidos pelas chuvas e que provocaram estado de calamidade em todos eles. É preciso averiguar e criar projetos no sentido de se evitar, no futuro, que as conseqüências das chuvas sejam tão violentas como estão sendo agora. E, sinceramente, esperamos que maus políticos não sejam inseridos no contexto usando a tragédia para fins puramente eleitorais.

PÍLULAS DO OUVIDOR Primeira: Cuidado com o HGE. Ele pensa que você morreu. Cuidado com o IML. Ele aceita você como morto. Depois você morre mesmo, de susto! Segunda: E aí, para não perder a chance, o IML está com os dois rabecões quebrados. Pegar cadáver na rua, nem pensar! E como é que fica???? Terceira: Gente...a bruxa está solta na Copa do Mundo para muitos que se achavam os tais. Em compensação fadas madrinhas abençoam os mais humildes. Quarta: Quando é que os construtores vão cumprir a lei que manda colocar em cada prédio público ou particular uma obra de arte (escultura)?

ABRAÇOS IMPRESSOS Meu abraço muito especial é de boas vindas, ou de bom retorno, a Mendonça Neto, próximo dia 23, depois de um longo período de tratamento em São Paulo. Que Deus o abençoe e o faça merecedor de bons momentos daqui pra frente.

"Polícia Federal deve impedir entrada de drogas no Estado" Líder dos delegados de polícia diz que maioria dos homicídios está vinculada às drogas Impedir a entrada de drogas (especialmente o crack) em Alagoas e partir para um combate em grande escala contra os traficantes. É que propõe o presidente da Associação dos Delegados de Alagoas, Antônio Carlos Lessa, ao sugerir uma ação mais forte da Polícia Federal na batalha contra o tráfico. Em entrevista à Luciana Martins, ele diz não ter dados estatísticos sobre

a evolução da criminalidade em Alagoas, mas afirma que a maioria dos homicídios registrados no Estado tem envolvimento com drogas. "Acho que a violência permanece, dá para perceber isso no noticiário sobre os crimes nos fins de semana". Lessa defende a convocação da reserva técnica da Polícia Militar e volta a cobrar mais investimento do governo na área de segurança. Luciana Martins

Quantos homicídios foram registrados no Estado até o final de maio? Em comparação com o mesmo período de 2009 a taxa aumentou ou diminuiu? Oficialmente, não tenho esses dados, mas a gente acompanha pela imprensa e percebemos que o índice de criminalidade não tem diminuído nesses últimos meses em Alagoas. Acredito que permanece a mesma taxa. Se diminuiu foi algo insignificante porque o que vemos na mídia, nos finais de semana, são inúmeras pessoas assassinadas. Por que ainda ocorrem tantos assaltos em Maceió? Temos hoje o grande mal que é a droga, principalmente o crack que tem sido utilizado pela juventude. Ela tem encontrado facilidade para comprar esse entorpecente. Precisa-se de investimento na área de segurança pública para tentar conter essa onda de drogas em Maceió. A Polícia Federal precisa fazer o papel dela que é impedir que as drogas cheguem ao Estado, já que esse é um trabalho específico dela. Como a PF não está conseguindo, a PM e a Civil vem buscando combater as drogas em Alagoas, mas também não tem surtido efeito. A maioria dos crimes praticados hoje em Alagoas tem envolvimento com as drogas. Ela age como um dos principais itens para motivação do crime. Não seria possível conter os assaltos a exemplo do que foi feito com os seqüestros? É preciso colocar polícia na rua. O governo do Estado tem que investir num concurso público para delegado de polícia, escrivão, agente de polícia e também na PM que há muitos anos permanece com o mesmo contingente de 7 mil homens e boa parte deles encontra-se no Palácio, no Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas, Assembléia Legislativa. Do efetivo já reduzido, boa parte continua nesses gabinetes. Urge trazer de volta esses policiais para a Corporação, para sua atividade fim, que é fazer o trabalho preventivo, esse é o trabalho da Polícia Militar. A Polícia não tem como evitar os assaltos conhecidos como 'saidinha de banco'? A 'saidinha de banco' tem sido constante como atestam as denúncias nas delegacias de polícia. Isso exige um trabalho mais eficaz para conter os assaltantes que agem abordando suas vítimas na saída dos bancos. Faz-se necessário um trabalho conjunto dos bancos, da PM e da polícia civil. Diariamente acontece essa prática criminosa. A polícias Militar e Civil precisam intensificar diligencias ou montar um esquema para evitar isso porque esses assaltos já viraram motivo de chacota no seio da sociedade. Como é que a polícia não consegue conter esses elementos que ficam atuando nas proximidades das agências bancárias? O Sindpol sustenta que a criminalidade em Alagoas au-

O delegado Antônio Carlos Lessa vincula onda de homicídos ao crescente comércio de drogas em Alagoas

mentou. Procede? Já disse, não tenho as estatísticas criminais em mãos, mas o que observamos é que a violência continua em Alagoas. Volto a insistir em um ponto: falta de investimentos por parte do governo do Estado. Alagoas requer uma política de segurança tratada de imediato com ações que realmente venham conter a onda de violência. Ao afirmar que a violência aumentou, o comando do Sindpol não acusa a própria Polícia de inoperância ou ineficiência? A violência permanece porque o trabalho da Polícia Judiciária e da Polícia Militar não tem sido eficaz e essa demonstração está nos índices de violência. Mas o combate à criminalidade não se restringe ao trabalho das polícias: o governo também precisa investir na área social. É preciso oferecer emprego, trazer mais indústrias para ampliar as oportunidades de emprego aos jovens alagoanos. Está faltando entrosamento entre a Polícia Civil e Polícia Militar? Não. O trabalho tem sido de comum acordo entre as polícias. Nós da Associação dos Delegados de Polícia de Alagoas (ADEPOL) sempre pregamos a união do Poder Judiciário, do Ministério Público, das policias Civil, Militar, Federal e Rodoviária porque se não houver esse entrosamento quem perde é a sociedade. A criação da Central de Polícia, em substituição às delegacias de Plantão, foi uma medida acertada? Está funcionando? Melhorou muito o trabalho dos delegados de polícia nas

delegacias distritais porque hoje os delegados que tinham um expediente nas delegacias distritais não realizam mais o flagrante, agora eles são levados à Central de Polícia. Isso facilitou o trabalho dos delegados em relação aos inquéritos já instaurados. Outra medida foi a retirada dos presos das delegacias da capital porque facilitou a ação dos delegados com relação às investigações que estavam engessadas por conta da custódia dos presos. Hoje a Central de Polícia realiza os flagrantes. Para a Polícia Judiciária foi ótima essa medida. Agora, para a sociedade por conta da localização da Central de Polícia, na orla de Maceió, para os moradores da parte alta da cidade ou mesmo da grande Maceió ficou mais distante chegar até a Central. Então o ideal seria construir outra central na parte alta da cidade. O senhor acha que a violência em Alagoas é inercial - ou é possível reduzi-la e mantê-la sob controle? É possível manter sob controle desde que haja investimento do próprio governo do Estado em segurança pública. Já ficou comprovado que se não houver investimento no material humano, como por exemplo, cursos para os delegados e policiais tanto da Civil quanto da Militar, realização de concurso para que venha aumentar o efetivo e o trabalho especifico contra o crime organizado, não se vai conseguir a diminuição da violência. Com esses investimentos será possível reduzir os índices de violência e mantê-la sob controle. A Polícia está perdendo a guerra contra o crack?

Eu não diria que está perdendo e sim que ela está em desvantagem. O crack tem avançado cada dia mais na sociedade, mas, acreditamos que a polícia irá vencer definitivamente essa guerra contra o tráfico desde que se parta pra prender imediatamente os traficantes, numa ação conjunta de todas as polícias. É preciso impedir que esse tráfico seja feito da maneira como é feito hoje, muitas vezes sem ser incomodado pela polícia. O que falta para se combater a criminalidade com mais eficácia? Investimento nas polícias, realização de concursos públicos, melhora nas condições de trabalho dos policiais e delegados. Algumas delegacias de interior só têm a figura do chefe de serviço, falta uma equipe de policial; delegado respondendo por duas e/ou três delegacias e melhorar cada vez mais o entrosamento com o Poder Judiciário e com Ministério Público. Com a união dessas instituições, com certeza, iremos reduzir os índices de criminalidade. Por que o governo demora tanto a convocar a reserva técnica da PM? Existe a carência. Esse número de 7 mil homens é o mesmo de 15 anos atrás e o governo do Estado não convoca a reserva técnica alegando a Lei de Responsabilidade Fiscal, mas tem que se conseguir uma maneira de se convocar esse novos policiais para reforçar a Polícia Militar. A ADEPOL defende a convocação imediata desse policiais porque, com certeza, eles irão dar uma contribuição muito grande à redução da criminalidade.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Cidade | A7

> GRIPE SUÍNA

Vacina em massa gera 'imunização passiva' Mas, quem não tomou a vacina, deve procurá-la em postos médicos e clínicas particulares; dengue já é surto epidêmico Luciana Martins Repórter

O que acontece quando uma grande parcela da população é vacinada, por exemplo, contra determinado tipo de gripe? Quem responde - e com uma explicação interessante - é Sandra Canuto, superintendente da Secretaria Estadual de Saúde: "Quando se vacina muito, o vírus (inoculado, ou seja, inofensivo ao organismo humano) também se dissemina e com isso, ocorre um processo de imunização passiva. Ou seja, as pessoas vão tendo contato com o vírus espalhado e, assim, vão criando imunidade". Sandra Canuto disse que sua expectativa é de que, com a evolução do inverno, a maioria da população já esteja imune ao contágio da gripe A. "Uns por conta da vacina e outros por contato com o vírus inoculado que passa a circular entre as pessoas. Diante disso, acreditamos que não haverá grandes problemas pelo fato de parte da população não ter sido vacinada". Oficialmente, a campanha de vacinação contra a gripe suína terminou no dia 11 de junho, mas o trabalho de imunização continua funcionando para segmentos específicos, especialmente nas escolas, agora com mais tranqüilidade uma vez que uma parcela significativa da população já está imunizada. De um modo geral, quem não participou da campanha de imunização, mas deseja se vacinar, vai ter que procurar clínicas privadas ou postos de saúde mantidos pelo governo. Segundo a superintendente Sandra Canuto, as farmácias não pode-

Divulgação

Miguel Goes

rão comercializar a vacina contra a gripe H1N1 por conta do armazenamento que ela exige. - As pessoas que não conseguiram se vacinar podem se dirigir a essas clínicas, não somente para tomar vacina contra a H1N1, mas também para se prevenir contra a meningite - disse Canuto acrescentando que a dose de vacina contra H1N1 está custando, em média, R$ 80,00.

NÚMEROS FINAIS Em Alagoas, a vacinação contra a gripe suína não atingiu, em alguns segmentos, as metas preconizadas pelo Ministério da Saúde. Foi o caso das gestantes. A Secretaria estadual de saúde prevê que, com a chegada do inverno, haverá um aumento nos casos de gripe A, mas grande parte dos alagoanos já está vacinada. A meta do governo era aplicar 1, 5 milhão de vacinas, em todo o Estado, mas a campanha só atingiu 1,2 milhão de pessoas. Iniciada há dois meses e prorrogada por duas vezes, a vacinação em alguns dos grupos atingiu a meta. São eles: trabalhadores indígenas, crianças menores de 2 anos, portadores de doenças crônicas e adultos de 20 a 29 anos. Os grupos que não conseguiram atingir a meta foram as gestantes, portadores de doenças crônicas com menos de 60 anos e adultos de 30 a 39 anos. O total de alagoanos vacinados (1,2 milhão de pessoas) corresponde a mais ou menos de 80% da população-alvo. Em Maceió foram vacinadas 396.593 pessoas. De acordo com Sandra Canuto para os grupos que atingi-

Vacinação em massa não atingiu metas preconizadas, mas deve proporcionar uma espécie de ‘imunização passiva’

ram a meta a vacinação está encerrada. "Para aqueles grupos que não atingiram a meta, a vacinação deve continuar".

GRIPE COMUM Com relação à gripe comum (campanha destinada aos idosos acima de 60 anos) Sandra Canuto adiantou que Alagoas está bem próximo de cumprir sua meta. "É uma vacina que não nos dá trabalho. Os idosos realmente procuram e durante estes anos temos conseguido atingir a meta". Mas ela aproveitou para convocar os idosos a fim de que procurem as unidades de saúde para serem imunizados porque o inverno está chegando e a gripe em idoso normalmente complica, podendo evoluir para uma pneumonia e até causar a

morte. "Só a vacina evita que isso aconteça" - advertiu.

DENGUE Outra preocupação é com a expansão da dengue. Segundo

dados da Secretaria Estadual de Saúde, a doença registrou um avanço de quase 1000% no comparativo entre 2009 e 2010. A ordem é conscientizar a população a evitar água acumulada nos

Superintendente Sandra Canuto

quintais, única forma de evitar a proliferação do mosquito transmissor. Hoje, pode-se afirmar que em vários municípios e bairros da capital o quadro é de surto epidêmico.

EM MACEIÓ

Simpósio debate qualidade do sangue A população pode desconhecer, mas antes de o sangue ser liberado para os hospitais, ambulatórios 24h, maternidades, Unidade de Emergência Daniel Hoully e Hospital Geral do Estado (HGE), ele passa por minucioso processo de análise, visando detectar possíveis doenças e, dessa forma, garantir que os pacientes não se submetam a uma transfusão de risco.

Em face disso, técnicos dos hemocentros de Alagoas (Hemoal) e Regional de Arapiraca (Hemoar) participaram, na sexta-feira (18), no Conselho Regional de Medicina (Cremal), de um simpósio onde foram apresentadas as técnicas modernas de hemoterapia. Por meio delas, os alagoanos atendidos no Sistema Único de Saúde (SUS) terão a ga-

rantia de que irão receber, quando necessário, sangue e hemocomponentes com absoluta qualidade. Isso significa dizer que os pacientes não correm riscos de receber sangue e hemocomponentes contaminados pelos vírus da Aids, sífilis e da hepatite, segundo destacou a diretora da Hemorrede Pública de Alagoas, Wálnia Brandão.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

A8 | Nacional

> SUCESSÃO PRESIDENCIAL

Zé Serra: "Adversários não são inimigos" 'Quanto mais mentiras disserem a nosso respeito, mais verdades diremos a respeito deles', diz candidato na convenção do PTB Divulgação

> JÁ GANHOU

Dilma nega que Lula já esteja definindo equipe Divulgação

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, afirmou hoje que são especulações as notícias de que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva já está escolhendo nomes para sua equipe ministerial, caso ela seja eleita. "Lula é respeitoso, não faz isso com ninguém. Tenho certeza de que será respeitoso pelo meu governo, caso eu seja eleita". De acordo com notícia publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo sexta-feira, Lula já começou a escolher a equipe da ex-ministra. Dois nomes que constariam da lista de futuros ministros seriam os de Miguel Rossetto ex-ministro do Desenvolvimento Agrário, e Paulo Okamotto, compadre de Lula e atual presidente do Sebrae. Dilma disse, no entanto, que sempre irá consultar Lula quando for montar a equipe de governo. "Mas isso não significa que no meu governo, caso eu seja eleita, não haverá diferenças. Haverá. Por isso, adotamos a frase ''o Brasil seguirá mudando'', para utilizar na campanha". As afirmações de Dilma foram feitas logo depois de um encontro e um almoço com o primeiro-ministro de Portugal, José Sócrates, na residência ofi-

Dilma negou escolha de nomes

cial do dirigente português. Sócrates presenteou Dilma com um netbook que é distribuído nas escolas públicas portuguesas. Ela disse que tratou da banda larga com o primeiro-ministro e ficou impressionada pelo fato de Portugal já estar chegando à casa dos 100 megabytes, enquanto no Brasil ainda se planeja uma internet de banda larga pública de 1 mega. Dilma disse que, se eleita, vai investir na educação. "Precisamos de uma educação de qualidade, porque temos problemas na formação de mão de

obra qualificada". Para Dilma, é preciso fazer com que ser professor seja uma honra para o profissional. A ex-ministra da Casa Civil passou uma semana na Europa. Na terça-feira foi à França, onde ficou até quinta-feira, quando se dirigiu à Bélgica, voltou a Paris, foi para Madri na sexta e, depois, para Lisboa. Nesse périplo, ela conversou com o presidente da França, Nicolas Sarkozy, com o presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, com o primeiro-ministro da Espanha, José Luis Zapatero, e com o primeiro-ministro de Portugal, José Sócrates. Um pouco depois, ela foi ao velório do escritor português e Prêmio Nobel de Literatura, José Saramago, na Praça do Município. Dilma volta ao Brasil amanhã. Leva, na bagagem, horas e horas de gravação de suas atividades na Europa, feitas pelo cinegrafista José Garcia. Todas serão usadas na campanha. No final da tarde, Dilma foi à Rua Luiz Soriano, no Bairro Alto, participar da cerimônia de entrega das chaves da cidade de Lisboa pelo prefeito, Antonio Costa, à Casa do Brasil em Lisboa.

SÃO PAULO - O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, foi contundente neste sábado, 19, no encerramento da convenção nacional do PTB, em São Paulo, ao definir o estilo de seus adversários. "Às vezes tem gente que pensa que você se comporta como eles se comportariam em determinadas circunstâncias. Às vezes se acusam de coisas que você nunca fez, não porque eles tenham provas. Porque eles pensariam: 'não, se eu estivesse no lugar dele, estaria fazendo isso, estaria passando a mão aqui, estaria fazendo aquilo, estaria perseguindo aqueles que estiveram no governo'. Nós não. Nós não tratamos adversários como inimigos, nós tratamos como competidores. Não encaramos como inimigos que têm de ser destruídos". Segundo Serra, "quando eles querem nos destruir, nós nos defendemos". Ao apontar para o caso do suposto dossiê que integrantes da equipe de sua oponente, a candidata do PT à Presidência Dilma Rousseff, teria preparado contra ele, Serra foi enfático: "Eu já disse. Quanto mais mentiras disserem a nosso respeito, mais verdades nós diremos a respeito deles". Em seu discurso, o tucano destacou ainda que "não é de fazer picuinhas, de fazer pinimbas, de brincar com o interesse público". Ao apontar críticas aos seus opositores na corrida presidencial, cutucando, afirmou: "Ninguém destrói coisas feitas, que podem ser melhoradas. Se não estão funcionando bem, podem ser melhoradas. A gente toca para a frente, a gente revoga as besteiras feitas, as coisas

José Serra diz que responderá mentiras com verdades dos adversários

Contou que sua opositora, na ocasião, havia criado o bilhete único e que, durante toda a campanha, os petistas sustentavam que Serra iria acabar com esse sistema. "Eu ganhei a eleição. O que nós fizemos? Cheguei ao governo, criamos o bilhete único para ônibus, metrô e trens urbanos."

erradas. O que está feito, mesmo que não esteja muito bem feito, a gente conserta, aperfeiçoa, não muda de nome e toca para frente". Serra citou um episódio da campanha à Prefeitura de São Paulo, em 2004, em que ele venceu a candidata do PT Marta Suplicy, que buscava a reeleição.

> EM CAMPANHA

Tucano vem a Caruaru nesta 4ª no rastro da adversária petista

O presidenciável José Serra cumpre agenda em Caruaru provavelmente nesta quarta-feira. Virá no rastro da concorrente petista Dilma Rousseff, que visita a cidade no dia anterior. Não é sem sentido. Os festejos juninos na "capital do forró" reúnem em cada noite mais de 120 mil pessoas e, em tempo de campanha, multidões costumam exercer forte magnetismo sobre candidatos em busca de voto. Mas

enquanto a ex-ministra estará cercada de condições favoráveis, consequência direta da popularidade do presidente Lula, o tucano segue em situação de desconforto por essas bandas. Não bastassem os números que mostram a preferência do eleitorado por Dilma, Serra não deixou impacto positivo nas duas vezes em que visitou Pernambuco após assumir a pré-candidatura.

> APOIO AOS JOVENS

Educação técnica garante mais empregos e salários Programas vitoriosos do Senac, a exemplo do POP e Projovem, qualificam e abrem portas no mercado de trabalho Fotos: Divulgação

Fazer um curso no Senac Alagoas é investir no crescimento pessoal e profissional e garantir mais chances de sucesso na vida. Os depoimentos de ex-alunos da escola profissionalizante que tem mais de 64 anos de tradição são um exemplo disso. Danielle Gerônimo dos Santos e Bruno de Amaral Rocha concluíram o curso e já estão empregados depois de uma intermediação do Programa de Oportunidades Profissionais do Senac e as empresas parceiras. Daniele concluiu o curso de Técnico em Nutrição e Dietética e já está trabalhando no Restaurante Bodega do Sertão. Aos 22 anos, ela diz que a oportunidade foi única e marcante. "Foi o primeiro curso que eu fiz e eu acho o Senac 10, pois me proporcionou também o primeiro emprego. Aqui confiam em mim e na minha capacidade de crescer e eu não quero parar mais. Pretendo continuar estudando e fazer o curso de engenharia química". A exemplo do que ocorreu com Daniele, pesquisa realizada pela Fundação Getulio Vargas (FGV) comprova que a educação técnica pode representar um salto na trajetória profissional, com salários até 13% maior do que a renda de quem conclui o ensino médio. O estudo comprova também que a habilitação técnica aumenta em 38% a probabilidade de entrar no mercado de trabalho com carteira assinada. O salário de um trabalhador com curso superior tecnólogo, ensino médio técnico ou qualificação profissional em cursos básicos de curta duração é, em média, 12,94% maior do que o de uma pessoa sem esses cursos. A pesquisa também mostra que quanto mais alto o nível de qualificação, maior o diferencial no salário. Além disso, com maior formação técnica, cresce a possibilidade de se conseguir uma vaga na área para qual o trabalhador estudou. Com o ex-aluno Bruno de

cos, recursos tecnológicos e salas de aula bem equipadas.

POP EM ARAPIRACA

No Senac Poço, os alagoanos encontram uma excelente estrutura física, variedade de cursos e muitas oportunidades de profissionalização

Ambiente interno da Unidade Arapiraca, no detalhe, sala de aula no Senac Arapiraca, Jovens investindo no futuro

Daniele dos Santos, técnica em Nutrição da Bodega do Sertão e ex-aluna do Senac

Encerramento

Amaral Rocha, de 20 anos, as oportunidades de crescimento só começaram depois que ele concluiu o curso no Senac. "Eu fiz o curso de Manutenção e Montagem de Microcomputador e depois que conclui não parei de trabalhar. Montei um laboratório em casa e dava assistência como autônomo nas residências. Foi quando o Senac me chamou para fazer uma seleção pelo POP na Residência Saúde", explica. A empresa atua com educação a distância e

ganizado e eficiente". Bruno já está na faculdade. Cursa o 4º período de Análise de Sistemas no Cesmac. "O curso que fiz no Senac abriu muitas portas para mim, ganhei muita experiência e me fez crescer", diz. "As empresas interessadas no POP devem entrar em contato com o Senac e preencher um formulário explicando qual o perfil do profissional desejado", explica a responsável pelo POP, Ivana Leite. O POP dispõe de um banco

forma profissionais para o mercado de trabalho na área de saúde. Bruno foi contratado para ser técnico de Informática. Seu chefe imediato e diretor de Marketing, Kleiton Jatobá, diz que entre os sete concorrentes, Bruno foi o que melhor apresentou o perfil procurado: "Ele é pró-ativo e tem um excelente desempenho; parabenizamos o Senac pela iniciativa do POP. Desde nosso contato com a instituição até a contratação do Bruno, o processo foi rápido, or-

de dados atualizado com os profissionais de melhor desempenho nas áreas de Artes, Gestão e Negócios, Conservação e Zeladoria, Moda e Beleza, Idiomas, Informática, Saúde, Estética, Gastronomia, Hospitalidade e Lazer. O prazo de conclusão do processo de intermediação dura no máximo uma semana. O Senac tem inúmeras opções de cursos técnicos, com instrutores qualificados, uma infra-estrutura composta por laboratórios, ambientes pedagógi-

Na segunda maior cidade de Alagoas, o Programa de Oportunidades Profissionais também faz a diferença na vida de quem busca inserção no mercado de trabalho. "Há menos de um mês encaminhamos 20 currículos de ex-alunos nossos do Projovem para uma loja daqui de Arapiraca e dois deles foram contratados. As empresas não param de solicitar novos currículos porque sabem do referencial de qualidade da nossa instituição. Só no mês passado 21 egressos foram contratados em 8 lojas do município", explica o gerente da Unidade do Senac em Arapiraca, Carlos Alberto Pessoa. O Projovem, Programa Nacional de Inclusão de Jovens, é um programa vitorioso desenvolvido pelo Senac Arapiraca e cujo objetivo é ampliar o atendimento aos jovens de 18 a 29 anos excluídos da escola e da formação profissional. O programa promove a reintegração desses jovens ao processo educacional. Eles recebem qualificação profissional e têm acesso a ações de cidadania, inserção no mundo do trabalho, esporte, cultura e lazer. Em Arapiraca, O Senac em parceria com a prefeitura municipal, preparou 1500 jovens para o mercado. "Ações como esta reforçam o compromisso do Senac Alagoas com a educação profissional e o desenvolvimento do estado de Alagoas, transformando a instituição em uma referência para os alagoanos que buscam qualificação, mais chances de empregabilidade e melhoria de vida", afirma Telma Ribeiro, Diretora Regional do Senac Alagoas. Em Arapiraca, a Unidade do Senac está localizada na Rua São Francisco, 861, Centro, no prédio do antigo Senai. E funciona nos três horários até as 22 horas. Mais informações: (82) 3521-4582.


Esportes

esportes@primeiraedicao.com.br

Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010 Programe-se - O tempo e as Marés - Diário Oficial dos Municípios - Social

> COPA DO MUNDO

Luis Fabiano dá show e Brasil se classifica Fabuloso marcou duas vezes na vitória por 3 a 1 contra a Costa do Marfim. Kaká foi expulso no fim e não enfrenta Portugal Globoesporte.com Foi uma vitória para restabelecer a paz entre a seleção brasileira e a torcida, que na arquibancada do Soccer City gritou "olé" e "o campeão voltou" graças ao placar de 3 a 1 sobre a Costa do Marfim neste domingo, em Joanesburgo. E foi também uma vitória que testou os nervos de alguns jogadores, já que os africanos apelaram para faltas duras depois de levarem três gols até os 17 minutos do segundo tempo. Kaká não passou nesse teste e foi expulso. Os gols marcados por Luis Fabiano (duas vezes, uma delas ajeitando a bola com o braço) e Elano fazem do Brasil o segundo país classificado para as oitavas de final da Copa do Mundo, depois da Holanda, e o terceiro a conseguir 100% de aproveitamento, junto com holandeses e argentinos. A primeira colocação do Grupo G pode ficar garantida já nesta segunda-feira, em caso de empate entre Portugal e Coreia do Norte, que se enfrentam às 8h30m. O Brasil, que foi a seis pontos, enfrenta na última rodada os portugueses, que por enquanto têm um. Os africanos, que ficaram estacionados em um ponto, encaram os coreanos (que têm zero). Os dois jogos serão realizados ao mesmo tempo, às 11h de sexta-feira. Se contra a Coreia do Norte o Brasil demorou a criar um lance de perigo, no jogo deste domingo ele surgiu com menos de um minuto. Robinho puxou contra-ataque, após tabela com Kaká, e arriscou de longe - sem tanto perigo - em vez de tentar o passe para Luis Fabiano, mais bem colocado pela esquerda. O que parecia um bom sinal, entretanto, transformou-se em exceção nos primeiros 20 minutos. Foi da Costa do Marfim a iniciativa do jogo. Ela não mostrou a mesma retranca do empate por 0 a 0 com Portugal e foi além: avançou a marcação para combater a saída de bola da seleção e dominou o meio-campo. Kaká foi desarmado duas vezes logo no começo, e os brasileiros, que davam a impressão de estarem perdidos, cometeram seis faltas em 14 minutos. Com dificuldade para dominar a bola e tocá-la no meiocampo, a seleção recorreu a um corta-luz para conseguir sua primeira jogada bem trabalhada na partida, somente aos 19 minutos. Elano abriu as pernas e deixou a bola passar na direção de Maicon, que errou no cruzamento. Se não levou perigo, o lance ao menos serviu para deixar a seleção um pouco mais à vontade no jogo. Seis minutos depois, veio o gol de Luis Fabiano. A jogada teve início com Robinho mais recuado e teve sequência com um calcanhar nem tão certeiro de

fotos: Terra

Luis Fabiano e um bom passe de Kaká. O atacante tomou a frente de seu marcador e, na cara do goleiro, soltou a bomba: 1 a 0. Na comemoração, fez o número 6 com as mãos - uma homenagem ao aniversário da filha e, coincidentemente, o número de partidas que passou em branco. Ele havia marcado pela última vez contra a Argentina, em setembro do ano passado. O gol não pôs o Brasil no caminho do bom futebol. Os erros de passe continuaram acontecendo, somados a falhas bobas no domínio de bola. O nervosismo do time parecia contagiar Dunga, que reclamou da arbitragem e passou o primeiro tempo brigando com o microfone próximo à área técnica, até arrancálo do gramado e colocá-lo atrás do banco. A seleção não conseguiu criar lances de perigo, concluindo apenas uma vez no gol, mas por outro lado mostrou solidez defensiva, com boas atuações de Lúcio e dos volantes Gilberto Silva e Felipe Melo. Com isso, a Costa do Marfim obrigou Julio Cesar a fazer apenas uma defesa em 45 minutos, num chute forte de Yaya Touré. A segunda etapa começou com forte marcação da Costa do Marfim e o Brasil recorrendo a uma jogada individual para fazer 2 a 0. Com uma ajudinha da arbitragem, é verdade. Luis Fabiano dominou a bola duas vezes no braço, e entre elas deu dois balões em adversários, chutando para a rede. Enquanto o atacante voltava para o seu campo, uma cena curiosa: foi abordado pelo árbitro francês Stephane Lannoy, que, sorrindo, quis saber se ele dominara com o braço. Luis Fabiano não teve dúvida: sério, respondeu que não. E mais tarde ouviu seu nome ecoar no Soccer City. Com exceção de uma cabeçada perigosa de Drogba, a defesa continuava sem grandes sustos. E no ataque o time já encontrava espaços para tocar a bola. Kaká deu um chute perigoso, após passe de Robinho. E no minuto seguinte, aos 17, o meia fez boa jogada pela ponta esquerda, cruzando rasteiro para a conclusão de Elano, que fez seu segundo gol em dois jogos. Nervosos com os 3 a 0 da seleção brasileira, os marfinenses começaram a abusar das faltas. Tioté deu uma entrada dura em Elano, que saiu carregado de campo, aos 30 minutos. E Keita fez falta violenta em Michel Bastos, levando cartão amarelo. Até mesmo quando sofriam falta, os africanos provocavam. Como aconteceu com Kaká e Yaya Touré. O brasileiro deu uma entrada mais forte no adversário, mas ficou irritado com uma mão na nuca. Entregue em campo, o time africano ainda conseguiu arrumar espaço para dimi-

nuir, numa falha isolada de posicionamento da defesa brasileira. Drogba recebeu ótimo lançamento de Yaya Touré aos 33 minutos e marcou de cabeça o primeiro gol africano no Brasil em Copas. Felipe Melo ergueu o braço, protestando contra impedimento que não existiu. O Brasil não se assustou com o gol e continuou tocando a bola. Mas o jogo estava nervoso. Aos 39 minutos, Kaká deu um empurrão em Keita e foi punido com o cartão amarelo. Três minutos depois, recebeu outro amarelo do árbitro, que viu agressão a Keita, e foi mais cedo para o vestiário, desfalcando o time contra Portugal, em Durban.

ELANO PREOCUPA

Luis Fabiano foi bastante decisivo, mostrou muito oportunismo na segunda partida do Brasil na Copa da África

Luis Fabiano domina a bola com o braço antes de concluir e marcar o seu segundo gol na vitória do Brasil

Em meio à euforia pela boa exibição diante da Costa do Marfim, neste domingo, em Joanesburgo, pela segunda rodada do Grupo G da Copa do Mundo, o Brasil tem uma problema para o restante da competição: Elano. Autor de dois gols em dois jogos no Mundial, o meio-campo deixou o gramado do Soccer City carregado por membros da comissão técnica brasileira e sequer conseguia colocar o pé direito no chão após pancada na canela. O lance que gerou a lesão aconteceu aos 19 minutos da segunda etapa, dois após o jogador marcar o terceiro gol brasileiro. Em dividida no campo de defesa, Elano foi atingido de forma desleal por Tioté, que sequer foi advertido com cartão. Daniel Alves substituiu o apoiador. Segundo o repórter Tino Marcos, da TV Globo, o médico Serafim Del Grande, da seleção brasileira, informou que as dores de Elano são no joelho direito. Entretanto, a princípio o jogador não preocupa para o restante da Copa do Mundo.

KAKÁ EXPULSO

Eficiente Elano marcou o terceiro gol da Seleção e mostrou outra vez que vive um bom momento em 2010

O meia Kaká foi expulso na vitória do Brasil por 3 a 1 contra Costa do Marfim, neste domingo, em Joanesburgo, e desfalcará a seleção na última rodada da fase de classificação, contra Portugal. A equipe brasileira, em primeiro lugar do Grupo G com seis pontos, já está classificada para as oitavas de final da Copa do Mundo. O camisa 10 levou o primeiro cartão amarelo aos 39 minutos do segundo tempo. Com o jogo parado, Kaká deu um empurrão em Keita. Aos 42 minutos, o marfinense caminhou na direção do brasileiro, que deixou o corpo duro para se proteger do choque. Keita foi atingido no peito e caiu no chão com a mão no rosto. O árbitro entendeu que o meia do Brasil merecia o segundo amarelo e acabou mostrando o cartão vermelho em seguida.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

B2 | Esportes

> CAMPEONATO DO NORDESTE

No sufoco, CSA só empata com Flu-BA Sob o forte calor, Azulão não conseguiu passar pelo time baiano, mas permence na liderança do Nordestão: 1x1 Futebolalagoano.com A diretoria do CSA apostou, fez um apelo à torcida para comparecer ao estádio e ela correspondeu, indo em grande número. O torcedor azulino acordou cedo, neste domingo (20), e prestigiou o jogo do Azulão contra o Fluminense de Feira de Santana, às 10 horas, no Estádio Nelson Feijó, pela quarta rodada do Campeonato do Nordeste, sob calor escaldante. Mas valeu à pena. O CSA levou sufoco, mas suportou o calor forte e saiu de campo com um empate, por 1x1, resultado que quebrou a sequência de vitórias do Azulão, mas que, ainda assim, manteve o time na liderança isolada da competição, com dez pontos. Como detalhe, o time azulino ficou com um jogador a menos em campo, a partir dos 11 minutos da etapa final, uma vez que o volante Anderson foi expulso. O próximo jogo do CSA será na quinta-feira (24), contra o Santa Cruz, às 21h15, no Arruda, em Recife-PE. Já o Fluminense, vai encarar o América de Natal-RN, em Feria de Santana-BA, também na quin-

Thiago Davino/Futebolalagoano.com

ta-feira, às 20h30.

O JOGO No primeiro minuto da etapa inicial o CSA já foi logo levando sufoco do time baiano, quando numa bobeira da defesa azulina o atacante Cicinho partiu com perigo, chutou a bola, mas ela foi para fora. O CSA respondeu em seguida, depois de uma boa jogada pela direita. Serginho chutou e a bola foi direto pela linha de fundo. Aos 29’ foi a vez de o CSA levar perigo à zaga do Fluminense. Catanha subiu pelo meio e cabeceou, mas a bola foi muito alta e o lance apenas resultou em tiro de meta. Aos 31’, o time baiano teve outra boa oportunidade, com Deon. Ele mandou uma bomba e o goleiro Anderson espalmou a bola, mandando-a para escanteio. A partir daí, o time do CSA caiu de produção. Sob forte calor, os azulinos cansaram e caíram de produção, principalmente no meio-campo. Com isso, o Azulão não chegava mais com tanto perigo ao gol adversário. Bom para o Fluminense, que passou a arriscar mais e a levar sufoco para a defesa azulina. E

Azulão sentiu a sequência de jogos e ficou no empate pelo Nordestão

em outro bom momento, Deon, sozinho, chutou a bola da entrada da área, ela explodiu no travessão e, na sobra, Sadrac chutou forte, mas desta vez ela foi pelo lado de fora. Nesse momento, sentindo a queda de produção do CSA, a torcida azulina começou a ficar impaciente, querendo ver mais do time. Mas o que viu foi o Azulão levar sufoco, mais uma vez. Aos 41’, Cicinho cruzou para a grande área, mas Deon não

chegou a tempo no lance e a bola acabou saindo pela lateral. Mas de tanto insistir e até para fazer justiça no primeiro tempo, o Fluminense abriu o placar aos 43 minutos, aproveitando-se de mais uma falha do setor defensivo azulino, Sadrac chutou, a zaga cortou e, na sobra, Ribinha não perdoou e meteu a bola no fundo da rede: 1x0. Mas o CSA chegou ao empate graças a um pênalti cometido

e errava muitos passes, perdendo várias oportunidades de gol. E o forte calor só reforçava a queda de produção das duas equipes. Mesmo assim, o CSA ainda teve um bom momento, aos 16’, com Catanha. Após Alexsandro partir em velocidade e cruzar na grande área, Catanha chutou e a defesa do Flu cortou, mandando a bola para escanteio. Aos 20’, outra boa chance azulina. Depois de cobrança de falta de Celso, a bola sobrou para Catanha, mas ele foi “fominha” e, mesmo sem ângulo, preferiu chutar a bola e ela foi na rede pelo lado de fora. Aos 25’, foi a vez de o Fluminense perder uma grande chance de fazer o segundo gol. Deon chutou, o goleiro Anderson defendeu parcialmente, a bola sobrou para Cicinho, que lançou para Ribinha, mas ele chutou forte e muito alto e a bola foi para fora. Nesse momento, o CSA já estava "pregado" em campo, sentindo cansaço e o sol forte, mas, mesmo assim, ainda conseguiu segurar o empate, que foi até lucro para o time azulino, que continua na liderança.

em cima de Braw. Quando ele tentava fazer a finta dentro da grande área, Júnior Gaúcho cometeu falta. O árbitro João Sátiro não teve dúvidas e assinalou penalidade máxima. Catanha cobrou com categoria e deixou tudo igual. Foi um gol vindo dos céus: 1x1. No segundo tempo, o Fluminense foi quem chegou levando perigo ao gol do CSA, com Ribinha que cabeceou livre e sozinho com o goleiro Anderson, mas para sorte dos azulinos, a bola foi pela linha de fundo. O Azulão respondeu aos 9’, com Serginho, após receber cruzamento do lateral Celso, mas Serginho chutou mal e a bola foi para fora. Aos 11’, o CSA ficou com um jogador a menos em campo. O volante Anderson foi interceptar a jogada de Claudstone, chutou a bola, mas deixou o pé atingir desnecessariamente o rosto do jogador adversário e acabou levando o cartão vermelho direto, sendo expulso. E se a situação do Azulão já estava complicada, com um jogador a menos ficou mais ainda. Sorte do Azulão, pois o Fluminense não soube aproveitar a vantagem numérica

CRB empata com Náutico e desce para 3º Wyderlan Araújo Buscando a permanência nas primeiras posições do Campeonato do Nordeste, o CRB enfrentou o Náutico, no Estádio Eládio de Barros Carvalho (Aflitos), no sábado (19) e ficou no empate por 0 a 0, pela abertura da quarta rodada da competição. Devido às fortes chuvas que castigam o Nordeste nos últimos dias, o gramado dos Aflitos não resistiu e acabou prejudicando na apresentação dos dois times, deixando o jogo com pouca técnica. O CRB foi melhor na partida e poderia ter conquistado a vitória, mas os erros de finalizações contribuíram diretamente para o resultado sem gols. Com o empate, o CRB caiu da segunda, para a terceira posição na classificação geral do Campeonato do Nordeste, com oito pontos. Já o Náutico, tem apenas quatro pontos e, mesmo assim, permanece na décima primeira posição com 4 pontos.

Na próxima rodada, o CRB jogará em casa contra o TrezePB, no Estádio Severiano Gomes Filho, em Maceió. Já o Náutico vai até o Frasqueirão em Natal, para enfrentar o ABC, na quinta rodada do Nordestão.

O empate acabou deixando o CRB na terceira posição com oito pontos

Tentando mostrar que o fato de jogar em casa fazia a diferença, o Náutico exerceu uma forte pressão inicial. Fora de campo, o time pernambucano recusou-se a trocar os uniformes que deixavam as duas equipes com a mesma predominância de cores em

Resultados / Copa do Nordeste 19/06/10 20/06/10 21/06/10 21/06/10 19/06/10 19/06/10 19/06/10

Botafogo-PB CSA-AL América-RN Vitória-BA Sergipe-SE Ceará-CE Náutico-PE

1x2 1x1 x x 0x0 1x2 0x0

Santa Cruz-PE Fluminense-BA Fortaleza-CE Confiança-SE Bahia-BA ABC-RN CRB-AL

campo. Depois de muita conversa e 12 minutos de atraso, os dois times resolveram chegar a um acordo e a partida pôde ser iniciada. Dentro de campo, o CRB bem postado conseguia responder em lances rápidos deixando o jogo muito igual nos primeiros minutos. Na primeira oportunidade, o ataque do Timbu tentou surpreender o Galo com cruzamentos na área, mas a defesa do time alagoano, principalmente o zagueiro Toninho, estava bem e fez o corte para escanteio. A oportunidade desperdiçada motivou os jogadores do CRB que passaram a manter a posse de bola e valorizar ainda mais o resultado, pois jogavam fora de casa. O atacante Paulinho Marília quase marcou um lindo gol, tentando cobrir o goleiro Rodrigo Carvalho, mas a bola ganhou outra direção, passando por cima do travessão. Demonstrando mais interesse em chegar à vitória, o CRB

passou a apresentar um futebol envolvente e conseguia criar as oportunidades. Mesmo assim, o Náutico quase abriu o marcador. O volante Nilson fez grande jogada e descobriu Erick ao realizar um lançamento perfeito.

Na quinta rodada o Galo, enfrenta o Treze-PB, na próxima quartafeira na Pajuçara

O atacante conseguiu dominar, mas chutou errado para fora. Na segunda etapa, os dois times voltaram com a mesma postura, mas o Náutico mostrava um pouco mais de presença no ataque, marcando mais a saída de bola. No primeiro lan-

Próximos jogos / Copa do Nordeste 24/06/10 - 15:00 23/06/10 - 21:00 22/06/10 - 21:00 24/06/10 - 16:00 24/06/10 - 19:00 24/06/10 - 20:30 24/06/10 - 21:15

CRB-AL ABC-RN Bahia-BA Confiança-SE Fortaleza-CE Fluminense-BA Santa Cruz-PE

x x x x x x x

Treze-PB Náutico-PE Ceará-CE Sergipe-SE Vitória-BA América-RN CSA-AL

também era interessante. O técnico Celso Teixeira, na última substituição, deixou claro que o empate também estava dentro dos planos diante das circunstâncias e colocou em campo o zagueiro Ítalo no lugar do habilidoso Ewerton. Na última oportunidade, o Náutico teve uma boa chance quando o lateral João Ananias foi até a linha de fundo e tentou o cruzamento. Thiago Lima tentou se antecipar a marcação e acabou sendo bloqueado no momento da conclusão, a defesa do CRB vibrou bastante com a disposição no momento do corte, mas o resultado foi mesmo um empate sem gols, numa noite fria no Recife.

ce, Thiago Marín tentou surpreender, mas Carlos Carioca defendeu. Sem perder tempo, o Timbu teve outra oportunidade na sequência. Thiago Lima chutou forte e a bola caprichosamente foi para fora, assustando o CRB. Pelo ritmo colocado no jogo, o CRB já merecia marcar o primeiro gol, mas os erros de conclusão atrapalhavam na abertura do placar. Edson Di deu uma nova “cara” ao time regatiano, mas faltava o gol e na metade da segunda etapa, o placar continuava sem ser movimentado. Sem conseguir marcar, o CRB passou a se preocupar em administrar o resultado que

Copa do Nordeste 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º 15º

CSA-AL ABC-RN CRB-AL Confiança-SE Treze-PB Santa Cruz-PE Fluminense-BA Vitória-BA Ceará-CE Fortaleza-CE Náutico-PE América-RN Bahia-BA Sergipe-SE Botafogo-PB

P 10 8 8 6 6 5 5 4 4 4 4 4 1 1 0

J 4 4 4 3 3 3 3 3 4 3 3 3 4 4 4

V 3 2 2 2 2 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0

E 1 2 2 0 0 2 2 1 1 1 1 1 1 1 0

D 0 0 0 1 1 0 0 1 2 1 1 1 3 3 4

GP 10 9 4 8 6 6 4 7 5 5 5 2 2 2 3

GS 6 3 2 7 6 5 3 4 5 5 5 3 8 9 7

SG 4 6 2 1 0 1 1 3 0 0 0 -1 -6 -7 -4


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Esportes |B3

> DECEPÇÃO

Itália tropeça contra a Nova Zelândia Com outra atuação sofrível, italianos decepcionam novamente e permanecem sem vencer na Copa da África: 1x1

Globoesporte.com A faixa preta no braço direito dos jogadores da Itália era um sinal da luto pela morte neste domingo do ex-jogador Roberto Rosato, campeão da Eurocopa de 68 e vice mundial em 70. Mas bem que poderia representar também um protesto pelo futebol sofrível apresentado pela atual campeã no Mundial da África do Sul. Em nova atuação decepcionante, a Azzurra não passou de um empate por 1 a 1 com a fraca Nova Zelândia, em Nelspriut, pela segunda rodada do Grupo F. Prejudicada pela arbitragem, a Azzurra ficou em desvantagem com um gol em impedimento de Smeltz, logo aos sete minutos. Entretanto, não fez nos 83 minutos seguintes nada que justificasse algo além da igualdade conquistada através de pênalti duvidoso convertido por Iaquinta, ainda na primeira etapa. Com o resultado, os italianos seguem vivos na Copa do Mundo, têm dois pontos e dividem a vice-liderança do Grupo F com os próprios neozelandeses, donos de campanha idêntica (dois jogos, dois empates, dois gols pró e dois gols contra). O Paraguai lidera, com quatro pontos. A Eslováquia ocupa a lanterna, com um. A decisão das vagas nas oitavas de final ficou para a última rodada, quando a Azzurra encara a Eslováquia, quinta-feira, às 11h (de Brasília), em Joanesburgo. Uma vitória garante a classificação italiana. Na mesma situação, a Nova Zelândia encara o Paraguai, em Polokwane, no

Fotos: Terra

mesmo dia e horário. Não era rugby, como gostam os neozelandeses, mas também não era o futebol que a Itália está acostumada a jogar. Com muitas faltas e passes sem direção, a partida parecia uma mistura de judô com jogo dos sete erros. Melhor para a Nova Zelândia, que teve oportunidade de usar a única jogada em que costuma levar perigo: a bola parada. Aos três, em cruzamento pela direita, a defesa italiana foi eficiente e afastou o perigo. Quatro minutos depois, a zebra galopou no estádio listrado de preto e branco de Nelspruit. Elliot cobrou falta pela esquerda, Reid desviou de cabeça no meio do caminho e contou com um atrapalhado Cannavaro para encontrar Smeltz, no segundo pau. O atacante estava em impedimento, mas, como o árbitro não marcou, cutucou por baixo de Marchetti para abrir o placar. Foram apenas sete minutos de um esporte “diferente” do futebol. O suficiente para a Nova Zelândia largar na frente, se mandar toda para o campo defensivo e aturar a pressão italiana. Logo aos nove, Montolivo levantou a bola na área, ninguém desviou, e Paston afastou no susto. Participativo pela direita, Pepe tentava levar a Itália para o ataque na base da correria. Nada que desse muito certo diante do nervosismo de seus companheiros. A primeira boa chance surgiu aos 16. Insistindo no chuveirinho, a Azzurra encontrou Chiellini com liberdade na pequena área. O zagueiro, por sua vez, sem o menor cacoete de ata-

Jogado no gramado, Zambrotta representa a péssima atuação em Nelspruit em outro empate da Itália

cante, chutou torto. A esta altura, a posse de bola dos europeus já superava os 65%. No entanto, um número neozelandês impressionava ainda mais: eram oito defensores dentro da área bloqueando as ações adversárias. Mais ofensivo do que de costume, Zambrotta confiou na jabulani e assustou em chute de longe aos 21. Era um bom caminho. Montolivo fez uso da mesma arma cinco minutos depois e acertou a trave. De tanto pressionar, a Itália se aproximava do gol e ganhou uma chance de ouro de presente aos 28. Criscito fez cruzamento sem direção, mas Smith puxou a camisa de Rossi no meio da área. Pênalti duvidoso. Iaquinta cumpriu sua obrigação, deslocou o

> CRISE?

Boicote e tentativa de agressão na França Globoesporte.com Um dia após o corte de Nicolas Anelka, que xingou o técnico Raymond Domenech no intervalo do último jogo, a França se transformou de vez no grande barril de pólvora da Copa do Mundo de 2010. A crise dos Bleus subiu vários degraus neste domingo. Primeiro, com a divulgação de uma suposta discussão entre Ribéry e Gourcuff durante um voo. Depois, com um desfecho digno de drama no treino aberto à torcida. Pouco antes do início das atividades do dia, em Knysna, o capitão Patrice Evra foi abordado pelo preparador físico Robert Duverne, e o bate-boca só não virou agressão porque Domenech separou os dois. O motivo da confusão foi o boicote dos jogadores, que decidiram não treinar em protesto contra a exclusão de Anelka. O tumulto terminou com a demissão do vice-presidente da Federação de Futebol do país, Jean-Louis Valentin, e os atletas voltando para o ônibus diante de torcedores incrédulos. Ao chegarem a Knysna para uma atividade que seria aberta ao público, alguns atletas se recusaram a treinar, sob forma de protesto pelo corte de Anelka. No momento em que Evra conversava com Domenech no gramado, o preparador físico se aproximou. Aparentando estar enfurecido, Duverne foi para cima do jogador, falou alto, levantou o dedo e precisou ser contido pelo treinador. Após a confusão, os jogadores retornaram para o ônibus e o treinamento foi cancelado. Logo depois, Domenech reuniu a imprensa e leu uma carta que rece-

Diante da torcida, os jogadores franceses se reúnem e boicotam treino

beu dos atletas, explicando os motivos do boicote. O episódio terminou com o dirigente JeanLouis Valentin pedindo demissão, claramente decepcionado. - Os jogadores não querem treinar. É uma vergonha. Nestas circunstâncias, decidi voltar a Paris e me demitir - disse Valentin antes de deixar a concentração. A França vive situação muito delicada na Copa do Mundo. Em dois jogos, soma apenas um ponto – empate com Uruguai e derrota para o México – e corre sério risco de ser eliminada ainda na primeira fase. Para se classificar, precisará vencer a anfitriã África do Sul por uma boa diferença de gols e torcer para que o duelo entre mexicanos e uruguaios não termine empatado. A última rodada do grupo A será na terça-feira, às 11h (de Brasília).

O clima começou a ficar pesado para os Bleus na última quinta-feira, quando a seleção foi derrotada pelo México por 2 a 0, em Polokwane. Substituído, Anelka xingou Domenech no vestiário, e os palavrões viraram manchete dos jornais franceses. A revolta resultou na dispensa do atacante, que foi embora da África do Sul. Ainda por causa da má atuação na partida com os mexicanos, Franck Ribéry e Yoann Gourcuff teriam discutido durante o voo - Ribéry nega o bate-boca. - O problema já tinha sido resolvido internamente, acabava ali. Anelka não tinha o direito de falar aquilo. Conversei com ele depois. No dia seguinte, dei a oportunidade de ele pedir desculpas, mas ele se recusou. Por isso, acredito que a decisão da Federação foi certa - afirmou Domenech à TV francesa.

goleiro e empatou. O gol tranquilizou os italianos, mas não alterou em nada a postura da Nova Zelândia, que se manteve estática na defesa. Sem criatividade, a Azzurra seguia com apenas duas opções: bolas aéreas e chutes de longe. E foi justamente de fora da área que De Rossi quase conseguiu a virada, aos 45. Paston fez boa defesa e garantiu um improvável empate nos 45 minutos iniciais. Mais ofensivo do que de costume, Zambrotta confiou na jabulani e assustou em chute de longe aos 21. Era um bom caminho. Montolivo fez uso da mesma arma cinco minutos depois e acertou a trave. De tanto pressionar, a Itália se aproximava do gol e ganhou uma chance de

ouro de presente aos 28. Criscito fez cruzamento sem direção, mas Smith puxou a camisa de Rossi no meio da área. Pênalti duvidoso. Iaquinta cumpriu sua obrigação, deslocou o goleiro e empatou. O gol tranquilizou os italianos, mas não alterou em nada a postura da Nova Zelândia, que se manteve estática na defesa. Sem criatividade, a Azzurra seguia com apenas duas opções: bolas aéreas e chutes de longe. E foi justamente de fora da área que De Rossi quase conseguiu a virada, aos 45. Paston fez boa defesa e garantiu um improvável empate nos 45 minutos iniciais. E a avalanche italiana continuava sem dar resultado. Sem criatividade, a opção era apelar

para chutes de fora da área. Montolivo e Di Natale arriscaram aos 24 e 34, respectivamente. Não foram felizes. Quem mais se aproximou do sucesso nos arremates, por incrível que pareça, foi a Nova Zelândia. Após chutão da zaga, aos 37, Wood ganhou de Cannavaro no alto, invadiu a área e chutou cruzado rente a trave. Foi a terceira e última conclusão dos “All Whites” na partida. O suficiente para garantir um ponto histórico contra uma desorganizada e nada assustadora campeã do mundo. Após mais um tropeço da seleção italiana na Copa 2010, o empate por 1 a 1 com Nova Zelândia neste domingo, o técnico da Azzurra, Marcello Lippi, lamentou a falta de sorte da equipe no jogo disputado em Nelspruit. Mas reconheceu que os atuais campeões mundiais não atuaram bem diante de um adversário sem grande tradição no futebol. E precisam melhorar para evitar precoce eliminação do torneio - Mais uma vez nos faltou sorte. Era uma partida para vencer e não fizemos grandes coisas. Algo mais tem que ser feito - admitiu, logo após o árbitro encerrar a partida deste domingo. Segundo o treinador, os neozelandeses aproveitaram a única oportunidade que tiveram em todo o jogo: - Os adversários fizeram o gol na primeira bola que tiveram. Depois, dominamos o jogo - completou, em entrevista à emissora italiana RAI. A Squadra Azzurra volta a campo nesta quinta-feira, contra a Eslováquia, em Joanesburgo.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

B4 | Especial

> BASTIDORES DA FÉ

Igreja Universal dá prêmios a pastores que mais arrecadam Vídeos foram obtidos de um ex-pastor; bispo controla tudo com ‘mão de ferro’ Divulgação

Novos vídeos que documentam encontros da cúpula da Igreja Universal revelam que foi estabelecido um prêmio - uma viagem internacional - aos sete pastores que mais arrecadassem dízimos dos seus fiéis. As imagens demonstram a pressão exercida sobre os pastores para que aumentem a coleta de recursos. Revelam ainda que as punições por "falhas" como adultério ou furto são públicas e definidas em ritos sumários. São videoconferências comandadas em 2008 pelo bispo Romualdo Panceiro, atual "número dois" na hierarquia e apontado pelo líder Edir Macedo como seu sucessor. Os cinco vídeos, com duração total de seis horas, foram obtidos de um ex-pastor pelo exvoluntário da Universal e ourives Eduardo Cândido da Silva, que move ação contra a igreja por danos morais. Como fez com as primeiras duas gravações, reveladas em abril pelo jornal Folha de S. Paulo, Silva deverá entregar os novos vídeos ao Ministério Público. Da sede da igreja em São Paulo, Panceiro se conectava com os principais pastores e bispos da Universal no Brasil e no exterior. Uma das gravações ocorreu em meio à campanha pela qual a igreja mais arrecada, a "Fogueira Santa". Panceiro orientou os pastores a "não limitar" o valor do dízimo, mas "estipular". "O pastor pega uma quantidade de envelope, 20. E pega aí, uma pessoa com dez [mil reais], ou duas. Porque vem, rapaz. Isso é muito forte. O pastor pede aí duas pessoas, ou três, com 5.000. E depois o pastor vai, como se diz, vai abaixando. Entendeu? E depois que chegar a 20 ou 10 reais, diga assim: 'O que que você tem para colocar?'", ensinou Panceiro. Os sete pastores que tivessem "maior crescimento", anunciou, ganhariam viagem de três ou quatro dias a Israel, onde queimariam os papéis com pedidos que fiéis entregaram na

Edir Macedo, chefe da Igreja Universal tem Panceiro como seu sucessor

campanha. Panceiro contou que o desempenho dos pastores seria checado por um programa de computador. Segundo ele, alguns pastores "malandros" reduziam sua arrecadação apenas para parecer que depois haviam "arrebentado" na campanha. "Eu tenho um programa aqui que é batata, que bate com a boleta legal."'

"CABEÇA VAI ROLAR" Panceiro controla a máquina com mão de ferro. "Aos [pastores] estaduais, vou dizer uma coisa para vocês, se vocês não imprimirem, se vocês não colocarem esse ritmo de trabalho aqui, eu vou visitar, sem falar com vocês, e, se eu encontrar o povo frio, a igreja vazia, a cabeça de vocês vai rolar." O bispo reclama muito de um pastor de Santa Catarina, a quem já tinha afastado após uma visita surpresa. "Eu não quero que você tome conta de mais nada. [...] Acorda! Você não falou que a igreja estava cheia? A igreja estava vazia, rapaz!" No mesmo dia, Panceiro mandou demitir dois pastores que teriam feito sexo com mulheres casadas.

Panceiro pressiona muito para o aumento da arrecadação. Um pastor não identificado diz que uma igreja em Guarulhos (SP) que arrecadava R$ 5.000 mensais passou a obter quase R$ 100 mil. Em certo trecho, Panceiro demonstra que controla suas palavras. "Eu não posso falar porque estão me filmando aí, mas você sabe o que eu quero dizer. Não sabe? Pô, a gente tem aí 2.000 igrejas, uma pela [outra]... Você sabe disso." Se cada igreja repetisse o desempenho da de Guarulhos, a arrecadação chegaria a R$ 200 milhões mensais, ou R$ 2,4 bilhões anuais. O Ministério Público estimou, em 2009, "movimentação financeira" de R$ 1,4 bilhão. Num dos vídeos, Panceiro se dirige a Clodomir Santos, responsável pela igreja no Rio, passando os dedos nos lábios, em sinal de que "está no papo". Todos riem.

OUTRO LADO A Igreja Universal disse, por meio de sua assessoria de imprensa, que é "termo preconceituoso" chamar de premiação as viagens a Israel destinadas a seus pastores.

"A viagem para Israel não é considerada uma premiação e sim uma missão religiosa almejada por cristãos evangélicos de todo o mundo. Entre os 15 mil pastores da Igreja Universal do Reino de Deus que atuam no Brasil isso não é diferente." "A missão religiosa na Iurd, entre outras peregrinações, consiste em levar pedidos de oração dos fiéis a lugares sagrados, como o Monte Carmelo, a Muralha de Jerusalém e o alto do Monte Sinai, por exemplo, uma árdua e esgotante escalada de mais de 2.000 metros a pé." Segundo a igreja, são viagens "cansativas e curtas, de quatro, cinco dias, no máximo, em que, quase sempre, consome-se mais tempo em deslocamentos aéreos do que nos locais em que são realizadas orações". Sobre o controle do fluxo de arrecadação de dízimos, a Iurd disse tratar-se de "procedimento interno". A respeito de a igreja estipular, mas não limitar, o valor dos dízimos, a assessoria informou que a Universal "possui como doutrina a Teologia da Prosperidade. Ou seja, acredita na intervenção divina também para o bem-estar material do homem. Os frequentadores da Iurd têm liberdade absoluta para fazerem ou não doações financeiras e da maneira como entenderem correta". Para a assessoria da igreja, "o exercício de fé pregado pelos pastores da Iurd tem como único fundamento a prática dos ensinamentos da Bíblia. Ou seja, se as pessoas contribuem cada vez mais, é porque simplesmente elas recebem cada vez mais". A assessoria também criticou a Folha de S. Paulo. "Mais uma vez, a Folha de S. Paulo usa expressões e frases fora do seu contexto original para atacar a Iurd, seus líderes e mais de 13 milhões de fiéis em todo o Brasil. Ao explorar trechos maldosamente pinçados de uma pregação de três horas de duração, o jornal adota uma postura radical e inadmissível de preconceito religioso." (Da Folha Online)

Igreja é investigada pelo Ministério Público A Igreja Universal é investigada pelo Ministério Público desde 2009 sob suspeita de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. No final do ano passado, os

promotores de Justiça formularam um pedido de cooperação internacional para pedir o bloqueio de bens e contas bancárias da igreja nos Estados Unidos. O Ministério Público suspei-

ta que membros da igreja utilizariam serviços de doleiros, no esquema de dólar-cabo --canal paralelo ao Banco Central-- para remeter dinheiro ao exterior. Em depoimento aos promo-

tores, uma ex-dona de casa de câmbio declarou que enviava, para contas ligadas à igreja, em média R$ 5 milhões por mês para os EUA entre 1995 e 2001.

Doleiros acusam Universal de remessa ilegal Reportagem publicada em abril no jornal "O Estado de S. Paulo" revelou que doleiros acusam a Igreja Universal de ter enviado R$ 5 milhões por mês ao exterior entre 1995 e 2001. As remessas supostamente ilegais totalizaram R$ 400 milhões e foram feitas por doleiros da casa de câmbio Diskline.

À reportagem do jornal, o advogado Antonio Pitombo negou as acusações. Ele defende a igreja e seus dirigentes. De acordo com a reportagem, a revelação sobre as remessas foi feita pela sócio da Diskline, Cristina Marina, que depôs ontem ao Ministério Público Estadual de São Paulo. Ela

e seu sócio, Marcelo Birmarcker, teriam aceitado colaborar com as investigações em troca de benefícios previstos na chamada delação premiada.

NEGÓCIO DE FÉ No último dia 14, reportagem de Rubens Valente mostrou o bispo Romualdo Panceiro,

apontado pelo bispo Edir Macedo como seu sucessor, orientando pastores da igreja a se aproximarem de "bandidos" e presos para evitar que a instituição seja vítima de assaltos. A orientação ocorreu numa videoconferência realizada entre os principais líderes da Igreja Universal em novembro de 2008.


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Especial |B5

ELEIÇÃO 2010

PPS define chapa e distribui cartilha Líderes partidários apóiam Dilma para presidente, enquanto o pré-candidato ao Senado, José Serra, marcha com José Serra Fotos: Márcio Ândrei

Em reunião na sede do Partido Popular Socialista (PPS) em Alagoas, sábado, 19, no bairro do Poço, ficou definida a chapa estadual para deputado, précandidatura de José Costa ao Senado, Regis Cavalcante para deputado federal além de informações, com distribuição do manual partidário, que será de vital importância para que seus précandidatos possam atuar sem esquecer o compromisso com o partido. Para o presidente do PPS em Alagoas, Regis Cavalcante, o objetivo da reunião foi definir a chapa estadual anunciando a candidatura de José Costa, do próprio presidente Regis Cavalcante para deputado federal, passar todas as informações e distribuir o manual do partido, com foco principal em instruir mostrando o manifesto programático do partido, todos os procedimentos que o candidato deve adotar além da lembrança resolucional eleitoral, que estabelece a fidelidade partidária e o compromisso com o partido. Durante a reunião Regis Cavalcante mostrou a todos que o mandato é pleiteado individual-

Deputado Marcos Barbosa disse que PPS vai sair com 40 candidatos à Assembleia Legislativa

mente mas pertence ao partido para que ninguém tenha dúvida sobre esta questão, mostrou também o caminho que vão trilhar até o dia 30, em uma convenção do PPS que será realizada no Centro de Convenções, e irá definir e aguardar a expectativa dos aliados com relação às coligações. Basicamente esse foi

o objetivo principal desta reunião, afinando inclusive seus discursos, definindo posição sem esquecer da satisfação com a direção partidária por ter um partido com chapa própria para deputado estadual, um candidato ao Senado, como José Costa, demonstrando importância à sociedade, principalmente porque

Régis Cavalcante conduziu reunião e chamou atenção para compromisso com o partido

é um postulante ficha limpa e o único candidato alagoano que defende José Serra para presidente. Desta forma, o PPS afirmou que o Estado terá a oportunidade de ter uma escolha e poder optar por José Costa para representar Alagoas. O mais cotado pré-candidato à deputado estadual, Marcos

Barbosa, que busca a reeleição, fez balanço positivo da reunião, deixando em evidência o excelente aproveitamento onde os précandidatos à deputado estadual comparecerem em grande número, com isso, enfatizou a saída convincente da reunião, dos que compareceram, por ter a certeza que estão em uma chapa própria.

Marcos Barbosa também ressaltou que o PPS vai apresentar 40 candidatos a deputado estadual e, se tratando do compromisso, uma resolução é mais do que certa: o PPS vai apoiar o governador Teotonio Vilela Filho além de um outro partido, que será definido pelo pré-candidato ao Senado José Costa.

SÃO LUIZ DO QUITUNDE

Chuva atrasa obra, Cicero pede paciência Fotos: Divulgação

As intensas chuvas que assolaram o estado estes últimos dias estão prejudicando o andamento das obras na cidade de São Luiz do Quintude. Com uma nova data de entrega para julho, a prefeitura pede que a população entenda a situação e tenha paciência. Segundo o prefeito Cícero Cavalcante, esses são imprevistos que não se pode adivinhar. "Com a força Divina ninguém brinca, mas as chuvas com certeza irão passar e assim que possível iremos retomar os trabalhos", explicou.

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUEBRANGULO Termo de Aditivo de Extrato de Contrato CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE QUEBRANGULO - CNPJ. 12.241.675/0001-01 Para: Jaquiel Siqueira Lopes, CPF: 074.915.744-59 OBJETO. Auterar o valor para R$ 1.000,00 (um mil reais) mensais pois o contratado também prestará serviço na Escola Municipal Mirta Correia Costa. Valor: R$ 7.000,00 (sete mil reais) Prazo de execução: 7 meses. Fonte de Recurso: 06.61/ 2.020/ 12.361.0004 – 3.3.90.36 Quebrangulo, 17 de maio 2010. Marcelo Ricardo Vasconcelos Lima – Prefeito -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE IGREJA NOVA RATIFICAÇÃO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Ratifico a situação de Inexigibilidade de Licitação, de acordo com o Parecer n.º 0122/2010 da Procuradoria Geral do Município, nos termos do Art. 25, III da Lei nº 8.666/93 que tem como objeto a contratação da empresa: LAELCIO PROMOÇÕES ARTÍSTICA, inscrita no CNPJ/MF sob o n.º 00.519.211/0001-35, empresa especializada na prestação de serviços de Bandas, para os festejos do São João de 2010, no valor total de R$ 60.000,00 (sessenta mil reais). À Secretaria de Finanças para providências relativas à execução do contrato. Município de Igreja Nova, 21 de junho de 2010. NEIWTON SILVA | PREFEITO -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE IGREJA NOVA AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO N.º 007/2010 A Prefeitura Municipal de Igreja Nova/AL comunica às empresas interessadas que fará realizar às 14h00min do dia 30 de junho de 2010, na Sala da Comissão Permanente de Licitação, localizada no Prédio sede da Prefeitura, situada na Praça Professor Agnelo Moreira, nº. 06 – Centro, Igreja Nova/AL, Fone: (082) 3554-1128, em sessão pública, o PREGÃO N.º 007/2010, do tipo MENOR PREÇO POR LOTE, que objetiva a Aquisição de materiais e equipamentos odontológicos, conforme quantidades e especificações contidas no ANEXO I – ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS do Edital. O Edital encontra-se disponível para download gratuito no site www.primeiraedicao.com.br. Qualquer informação poderá ser solicitada através do email: cplprefeiturainova@hotmail.com. Igreja Nova/AL, 18 de junho de 2010 Cláudia Cristina de Melo Pereira Pregoeira -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE IGREJA NOVA

A creche municipal está quase pronta e abrirá totalmente estruturada e equipada com computadores, assim como a Escola Adalgira Maria, abandonada na antiga administração, também será entregue em julho. A cidade está em estado de alerta e a prefeitura pede que os habitantes do município tenham cuidado com as áreas de risco. "A prefeitura está pronta para atender a todos, em situações como essa temos que estar de prontidão para qualquer emergência", disse o prefeito.

AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO N.º 006/2010 A Prefeitura Municipal de Igreja Nova/AL comunica às empresas interessadas que fará realizar às 08h30min do dia 30 de junho de 2010, na Sala da Comissão Permanente de Licitação, localizada no Prédio sede da Prefeitura, situada na Praça Professor Agnelo Moreira, nº. 06 – Centro, Igreja Nova/AL, Fone: (082) 3554-1128, em sessão pública, o PREGÃO N.º 006/2010, do tipo MENOR PREÇO POR LOTE, que objetiva a Aquisição de medicamentos e materiais correlatos, conforme quantidades e especificações contidas no ANEXO I – ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS do Edital. O Edital encontra-se disponível para download gratuito no site www.primeiraedicao.com.br. Qualquer informação poderá ser solicitada através do email: cplprefeiturainova@hotmail.com. Igreja Nova/AL, 18 de junho de 2010 Cláudia Cristina de Melo Pereira Pregoeira -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE TAQUARANA AVISOS DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 9/2010 OBJETO: aquisição de gêneros alimentícios destinados a preparação de merenda. REALIZAÇÃO: 02 de julho de 2010, às 09h30min. PREGÃO PRESENCIAL Nº. 10/2010 OBJETO: aquisição de gêneros alimentícios para atender a Creche. REALIZAÇÃO: 05 de julho de 2010, às 09h30min. Local: Praça Padre Cícero, 43, Centro, Taquarana-AL. DISPONIBILIDADE DOS EDITAIS: no local da realização do certame das 08h00min às 12h00min ou por solicitação via email através do endereço taquarana.licitacao@yahoo.com.br INFORMAÇÕES: (82) 3425-1398. Taquarana, 11 de junho de 2010. JANETE DE OLIVEIRA GOMES BARBOSA Pregoeira -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE ROTEIRO AVISO DE HOMOLOGAÇÃO TOMADA DE PREÇOS Nº. 1/2009 O Prefeito do Município de Roteiro HOMOLOGA o presente processo no valor de R$ 556.929,76 (quinhentos e cinqüenta e seis mil, novecentos e vinte e nove reais e setenta e seis centavos). EXTRATO DE CONTRATO TP Nº. 1/2009. CONTRATANTE: Prefeitura Municipal de Roteiro CNPJ: 12.264.248/0001-49. CONTRATADA: Carrocel Construtora Ltda. CNPJ: 10.578.411/0001-12- situada no conjunto Multirão, S/N - Povoado Cariolando - Santa Luzia do Norte - Alagoas - CEP: 57.130-000.

Gestão de Cicero Cavalcante encontrou prédio totalmente abandonado

OBJETO: Serviços de Infra-Estrutura para Execução de: lote I - Construção de 01 (uma) unidade Escolar com capacidade de 05 (cinco) salas de aula no valor total de R$ 247.071,78 (duzentos e quarenta e sete mil e setenta e um reais e setenta e oito centavos); Lote II - Construção de 01 (uma) Área de Lazer (balneário-ecológico), no valor total de R$ 309.857,98 (trezentos e nove mil, oitocentos e cinqüenta e sete reais e noventa e oito centavos), totalizando no valor global de R$ 556.929,76 (quinhentos e cinqüenta e seis mil, novecentos e vinte e nove reais e setenta e seis centavos), todos neste Município de Roteiro. Vigência: 12 meses Roteiro, 02 de junho de 2010. FÁBIO CÉSAR JATOBÁ | Prefeito Municipal -------------------------------------------------------PREFEITURA DE MARECHAL DEODORO GABINETE DO PREFEITO SÚMULA DO CONTRATO PARTES: O MUNICÍPIO DE MARECHAL DEODORO e a EMPRESA P. ERNANDES DA SILVA - ME, CNPJ n°09.378.517/000-93. OBJETO: Constitui objeto deste contrato a aquisição de Gêneros Alimentício e Material de Consumo. VALOR: O valor do presente CONTRATO é de R$ 59.198,00 (cinqüenta e nove mil, cento e noventa e oito reais). PRAZO: A vigência e execução do contrato 10 (dez) meses a contar da data da publicação do extrato mo Diário Oficial. RECURSOS: As despesas resultantes correrão por conta da Funcional Programática – 2002Manutenção do Gabinete -2004- Manut. da Procuradoria Geral -2005- Manut. Da Secretaria de Administração – 2007- Manut. da Secretaria de Finanças -2042-Manut. da Secretaria de Educação -2017- Manut. da Sec. Infraestrutura -2020- Manut. da Sec de Meio Ambiente-6010-Manut. da Sec. de Saúde6032-Manut. do Fundo Mun. de Assistência Social 2025- Manut. da Superint. Mun. de Transporte -6011- Manut. da Sec.de Assistência Social-2027- Manut. da Sec. de Cultura-2029-Manut. da Fundação Mun. de Ação Cultural -2028- Manut. da Sec de Planejamento e Desenvolvimento Urbano2032- Manut. da Sec. de Turismo -2033Manut. da Secretaria de Esporte -Elemento de Despesa 3390.30.00. Marechal Deodoro, 30 de abril de 2010. CRISTIANO MATHEUS DA SILVA E SOUSA Prefeito de Marechal Deodoro SÚMULA DO CONTRATO PARTES: O MUNICÍPIO DE MARECHAL DEODORO e a EMPRESA VIVA AMBIENTAL E SERVIÇOS LTDA, CNPJ n° 05.566.0002/0001-66. OBJETO: Constitui objeto deste contrato a prestação de SERVIÇOS DE COLETA, DESTINAÇÃO FINAL DE RESÍDUOS E EXECUÇÃO DE SERVIÇOS DIVERSOS E COMPLEMENTARES DE

LIMPEZA no município de Marechal Deodoro/AL. VALOR: O valor do presente CONTRATO é de R$ 6.245.400,00 (seis milhões, duzentos e quarenta e cinco mil quatrocentos reais) PRAZO: A vigência e execução do contrato 12 (doze) meses a contar da data da emissão da ordem de serviço. RECURSOS: As despesas resultantes correrão por conta da Funcional Programática – 2.018 do Elemento de Despesa 3390.39.00. Marechal Deodoro, 05 de março de 2010. Cristiano Matheus da Silva e Sousa Prefeito de Marechal Deodoro RATIFICAÇÃO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO PROCESSO N.º 09-268/2010 INTERESSADA: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Com base no parecer exarado pela Procuradoria Geral do Município de Marechal Deodoro, nos autos do processo em epígrafe, ratifico a situação de inexigibilidade de licitação para prestação de serviços de laboratório de Patologia Clínica, com base no art. 25, caput, da Lei nº 8.666/93, por este município através da(s) empresa(s) abaixo descrita(s): LABORATÓRIO MARECHAL DEODORO LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº07. 582.882/0001-90, sediada a Rua Melo Morais, nº 14, Centro Marechal Deodoro/AL no valor global de R$ 91.106,98(Noventa e um mil cento e seis reais e noventa e oito centavos). Marechal Deodoro, 07 de junho de 2010. CRISTIANO MATHEUS DA SILVA E SOUSA Prefeito do Município de Marechal Deodoro -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE COITÉ DO NÓIA AVISO DE LICITAÇÃO Modalidade: Pregão Presencial n.º 012/2010 Tipo: menor preço Objeto: aquisição de refrigeradores Realização: 30 de junho de 2010 às 10h00min. (horário local). Disponibilidade do edital: na sede da Prefeitura, à Praça Antonio Pedro de Albuquerque, n.20, Centro, cidade de Coité do Nóia, Estado de Alagoas, ou por solicitação via email, através do endereço eletrônico pregoes.coitedonoia@gmail.com Informações: Fone: (82) 3526 1100 Coité do Nóia/AL, 14 de Junho de 2010. -------------------------------------------------------PREFEITURA DE SÃO JOSÉ DA LAJE Pregão Presencial nº 005.03/2010-CPL (Gêneros Alimentícios) ADIAMENTO O Pregoeiro Oficial do Município de São José da Laje, torna público o ADIAMENTO, para as 14:00 (quatorze) horas do dia 30/06/2010, da sessão pública para a realização do certame acima mencionado, anterior-

São Luiz também sofreu cominundações que atingemáreas do Estado

mente prevista para 23/06/2010, em virtude da necessidade de adequações na planilha do anexo, o que implica na elaboração das propostas. Novo edital a partir do dia 18/06. Outras informações na sala da Comissão Permanente de Licitação, na Rua Dr. Oscar Gordilho, 23, Centro, São José da Laje/AL, no horário das 08:00 às 13:00 horas ou pelo e-mail: prefeitura.licita@gmail.com (9351-5209). 11/ 06/2010. JOSÉ VIANA DE SOUZA NÉTO | Pregoeiro Oficial -------------------------------------------------------PREFEITURA DE DELMIRO GOUVEIA AVISOS DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 23/2010 (2ª CONVOCAÇÃO) OBJETO: Aquisição de equipamentos (Informática Móveis e Eletrodomésticos, Ferramentas, e estrutura metálica). DATA, HORA E LOCAL: dia 30 de junho de 2010, às 9h, na sede da Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia, localizada na Praça da Matriz, nº 08, Centro, Delmiro Gouveia/AL. PREGÃO PRESENCIAL Nº 24/2010 (2ª CONVOCAÇÃO) OBJETO: Aquisição de materiais didáticos e gêneros alimentícios. DATA, HORA E LOCAL: dia 01 de julho de 2010, às 9h, na sede da Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia, localizada na Praça da Matriz, nº 08, Centro, Delmiro Gouveia/AL. Os Editais encontram-se disponíveis no endereço acima citado das 8h às 13h. Delmiro Gouveia, 16 de junho de 2010. LUCINEIDE BEZERRA DE LIRA | Pregoeira -------------------------------------------------------PREFEITURA DE DELMIRO GOUVEIA EXTRATOS DE CONTRATO Processo Administrativo nº 480/2010 CONTRATANTE: Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia/AL. CONTRATADA: SCOLTT Comércio e Serviços Ltda. FUNDAMENTAÇÃO: Pregão Presencial nº 16/2010. OBJETO: Aquisição de equipamentos de sinalização para veículos e motocicletas. VALOR GLOBAL: R$ 105.297,00 (cento e cinco mil, duzentos e noventa e sete reais). RECURSOS: Próprios. Prazo: 60 (sessenta) dias. Processo Administrativo nº 306/2010 CONTRATANTE: Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia/AL. CONTRATADA: Fágna de Araújo Fortes. FUNDAMENTAÇÃO: Pregão Presencial nº 17/2010. OBJETO: Aquisição de lubrificantes. VALOR GLOBAL: R$ 55.800,00 (cinqüenta e cinco mil e oitocentos reais). RECURSOS: Próprios. Prazo: 12 (doze) meses.

-------------------------------------------------------PREFEITURA DE DELMIRO GOUVEIA Tomada de Preços nº 03/2010 A Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia/AL comunica às empresas interessadas que fará realizar às 9h do dia 08 de julho de 2010, na sede do Município, Praça da Matriz, nº 08, Centro, Delmiro Gouveia/AL, em sessão pública, a Tomada de Preços nº 03/2010, que objetiva a construção de 01 (um) posto de saúde no Bairro Campo Grande, no Município de Delmiro Gouveia/AL. O Edital encontra-se à disposição dos interessados no horário das 08h às 13h na sede da Prefeitura. Delmiro Gouveia, 16 de junho de 2010 Ivonete Godoi Leite | Presidente da CPL -------------------------------------------------------PREFEITURA DE DELMIRO GOUVEIA Tomada de Preços nº 02/2010 A Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia/AL comunica às empresas interessadas que fará realizar às 9h do dia 07 de julho de 2010, na sede do Município, Praça da Matriz, nº 08, Centro, Delmiro Gouveia/AL, em sessão pública, a Tomada de Preços nº 02/2010, que objetiva a execução dos serviços para construção da Praça no Bairro Novo no Município de Delmiro Gouveia/AL. O Edital encontra-se à disposição dos interessados no horário das 08h às 13h na sede da Prefeitura. Delmiro Gouveia, 16 de junho de 2010 Ivonete Godoi Leite | Presidente da CPL -------------------------------------------------------PREFEITURA DE DELMIRO GOUVEIA Tomada de Preços nº 01/2010 A Prefeitura Municipal de Delmiro Gouveia/AL comunica às empresas interessadas que fará realizar às 9h do dia 06 de julho de 2010, na sede do Município, Praça da Matriz, nº 08, Centro, Delmiro Gouveia/AL, em sessão pública, a Tomada de Preços nº 01/2010, que objetiva a execução dos serviços de recuperação da pavimentação asfáltica, no Município de Delmiro Gouveia/AL. O Edital encontra-se à disposição dos interessados no horário das 08h às 13h na sede da Prefeitura. Delmiro Gouveia, 16 de junho de 2010 Ivonete Godoi Leite | Presidente da CPL -------------------------------------------------------PREFEITURA MUNICIPAL DE BRANQUINHA AVISO DE LICITAÇÃO Pregão Presencial 006/2010 - Objeto: Aquisição de Patrulha Mecanizada - Data de realização: 29/06/2010, às 09h00min. Disponibilidade dos editais na Rua Júlio Maia, nº 60, Centro, Branquinha/AL, das 08:00 às 12:00 horas. Branquinha, 16 de junho de 2010. Sérgio José Silva Sarmento Pregoeiro


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

B6 | Roteiro "Barney e seus amigos" O espetáculo "Barney e seus amigos" terá duas apresentações em Alagoas . No dia 02 de julho, às 17h, será no Clube dos Fumicultores, em Arapiraca. E no dia 04, a apresentação pode ser vista em Maceió, às 16h30, no Teatro Gustavo Leite. Ingressos à venda no stand Viva Alagoas (Maceió Shopping). Mais informações: 3033-5539 Oscar Filho - Stand up O humorista do CQC estará em Maceió no dia 05 de julho com o espetáculo "Ptuz Grill". Em formato stand up, sua apresentação acontecerá, às 20h, no Teatro Gustavo Leite, no Centro Cultural e de Exposições de Maceió, em Jaraguá. Venda no estande Viva Alagoas (Maceió Shopping). Happy Hour Junino Especial Quando: 25/06 Show com Cláudio Rios Abertura com a orquestra Conexão Latina Local: Sesc Poço (Rua Pedro Paulino, 40, Poço) Horário: 19h30 Ingressos: R$ 5 a R$ 11 Mais informações: 0800 284 2440 e 2123-2440 Arraial do Sesc Quando: 27/06 Música ao vivo com o trio Jóia Rara Local: Sesc Guaxuma (Rua Coronel Mário Saraiva, s/n Guaxuma) Horário: 13h Ingressos: R$ 4 a R$ 11 (gratuita para comerciários com carteira do Sesc) Mais informações: 0800 284 2440, 3325-5021 e 3377-3280 IV Concurso de Crônicas Literárias Inscrições para Prêmio IB Gatto de Crônicas Literárias foram prorrogadas até o dia 30 de junho. A organização selecionará três crônicas inéditas para publicação após o concurso.

Regulamento e inscrições no site: http://www.ofarol.inf.br/concurso Confira a programação do Quarta no Arena. Ingressos no valor de R$ 3,00 e R$ 6,00: 21 e 28 de Julho - "MADAME" - CIA INFINITO ENQUANTO TRUQUE 04 e 11 de Agosto - "OS FUZIS" - CIA PILOTO DE TEATRO 18 e 25 de Agosto - "O AVARENTO" - CIA 6 PONTO CENA 01 e 08 de Setembro - "O DONO DA NOITE" - CIA MURO IMAGINÁRIO 15 e 22 de Setembro - "OS DRAGÕES NÃO CONHECEM O PARAÍSO" - CIA DO AVESSO 29 de Setembro e 06 de Outubro - "ROMEU E JULIETA" CIA EXPRESSÃO E INCLUSÃO 13 e 20 de Outubro - "A TROCA" - ATA 27 de Outubro e 03 de Novembro- "NÓS, NUS E OS OUTROS" - CIA DE TEATRO ANIMUS 24 de Novembro e 01 de Dezembro - "CALILA" - AIÉGUA PRODUÇÕES 08 e 15 de Dezembro "K" - CIA GANYMEDES Domingos Musicais - Arapiraca Quando: 27/06 Música ao vivo com a banda Eterna Magia Horário: a partir das 13h Local: Sesc Arapiraca (Rua Manoel Cazuza, s/n, Santa Edwiges - Arapiraca, AL) Ingressos: gratuita para comerciários com carteira do Sesc Mais informações: (82) 9942-0442 | (82) 9942-0540 CINEMA Cine Sesc 12h30- Mostra Brasil em 3x4 Quando: 21/06 Filme: Maria Capacete (21 min) Direção: Eduardo Bezerra e Vitor Luiz Santos Filme: Trampolim (12 min) Direção: Fiapo Barth

Filme: Labirinto (19 min) Direção: Margarita Hérnandez e Tibico Brasil Local: Teatro Sesc Jofre Soares, Sesc Centro (Rua Barão de Alagoas, 229, Centro) e Auditório Maron Emile AbiAbib/Sesc Poço (Rua Pedro Paulino, 40, Poço) Horário: 12h30 Classificação: 14 anos Entrada franca Mais informações: 0800 284 2440 e 3326-3133 Arraial do Sesc Arapiraca Apresentação da quadrilha estilizada Pisoteio Apresentação das quadrilhas das escolas da rede municipal Data: 21 a 23 de junho Local: Sesc Arapiraca (Rua Manoel Cazuza, s/n, Santa Edwiges - Arapiraca, AL) Horário: 14h às 17h Entrada franca Mais informações: 0800 284 2440, (82) 9942-0442 e (82) 9942-0540 Arraial da Terceira Idade Quando: 23/06 Forró pé-de-serra com Joelson dos 8 baixos Apresentação da quadrilha do grupo da terceira idade do Sesc Sorteio de balaio Concurso: Rei do Sabugo e Rainha do Milho Local: Sesc Poço (Rua Pedro Paulino, 40, Poço) Horário: 15h às 18h Ingressos: R$ 4 (idosos com carteira do Sesc) e R$ 5 (idosos sem carteira do Sesc) Mais informações: 0800 284 2440 e 2123-2440 Exposição Gesto e Paisagem Paisagens, tanto rurais quanto urbanas, é o tema principal das exposições de dois grupos artísticos: Taba-êtê e OCOLE-

> ARTIGO

> CINEMA

O direito à leitura Vivaleitura!

Pixar encontra final digno para Toy Story

Obrasileiro lê em média 1,7 livros per capita/ano, se expurgarmos do índice apurado os livros didáticos de leitura obrigatória nas escolas, segundo informações da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, de responsabilidade do Instituto Pró-Livro. Um índice baixo que pode ser atribuído a diversos fatores. Seria injusto dizer, no entanto, que o brasileiro não lê porque não quer e são muitas as evidências desta afirmativa. Uma das principais evidências, o Prêmio Vivaleitura, iniciativa dos Ministérios da Cultura e da Educação, e que faz parte do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL), completa cinco anos em 2010 sob a coordenação da OEI e o patrocínio da Fundação Santillana. Nesses cinco anos o Vivaleitura é um retrato da força de vontade do brasileiro em ler e de quão criativo e eficaz ele é em seus esforços para ampliar o seu acesso aos livros. O prêmio reconhece trabalhos de incentivo à leitura proveniente de todas as regiões do Brasil - pequenos municípios, capitais, grandes metrópoles, aldeias indígenas e comunidades ribeirinhas. Tornou-se um repertório de projetos diversos e bem sucedidos em prol da leitura, e que servem de inspiração para políticas públicas nas esferas municipal, estadual e federal. Entre 2006, edição de estreia do prêmio, até o ano passado, o Vivaleitura trouxe à tona mais de 8.000 trabalhos estimuladores do acesso à leitura, idealizados tanto por profissionais bibliotecários, professores e acadêmicos quanto por pescadores, feirantes, chefes de tribos indígenas e tantos outros brasileiros que reconhecem a importância do livro para a educação, a cultura e para o desenvolvimento do Brasil. No ano passado, o prêmio, que já tinha proporções nacionais, conquistou todos os estados do território nacional. Ao revelar uma diversidade enorme de trabalhos desenvolvidos com empenho e desprovidos de qualquer outro interesse que não o de promover a leitura, o Vivaleitura é para o PNLL, enquanto fomentador de políticas públicas, um indicador do que ainda precisa ser feito, onde e como. Ao mesmo tempo, é um baú generoso de ações que em sua grande maioria podem servir como exemplos e serem reproduzidas por todo o país, alcançando uma das metas do PNLL que é a união de esforços entre o estado e a sociedade em prol do desenvolvimento da leitura. Será neste caminho, que une Educação e Cultura, que trilharemos a longa trajetória que

ainda temos que percorrer para aumentar o índice de livros lidos e bem lidos - pelos brasileiros. Os últimos quatro anos foram palco de amplos esforços do governo e da sociedade para levar adiante a construção de uma Política de Estado para o livro e a leitura no Brasil e isso se traduz em investimentos até então inexistentes. Por exemplo, o PNLL contribuiu fortemente para fazer da leitura uma das principais políticas do Ministério da Cultura, fato que se expressa no salto de investimentos na área do livro e da leitura cerca de R$ 6 milhões em 2003 para uma média de aplicações em 2008 e 2009 de cerca de R$ 100 milhões. Neste processo, o Prêmio Vivaleitura, que antecedeu o PNLL, foi sempre um celeiro de ideias e um mapa das necessidades e anseios mais prementes daqueles que estão na linha de frente por um Brasil leitor. E desses investimentos do MinC, muitos têm absoluta identidade com as ações características da democratização do acesso ao livro, sempre presentes no Vivaleitura, como os mais de 700 Pontos de Leitura presentes em 12 estados brasileiros, em um investimento total de R$ 14 milhões previstos p a r a serem empregados até o f i n a l d e s t e ano. A conquista da abrangência nacional do prêmio mostra que, quando frente a frente com novas oportunidades de acesso ao livro, o brasileiro não hesita. Os projetos cadastrados no Vivaleitura ao longo destes quatro anos também revelam a proatividade da sociedade civil em, com ou sem a parceria de órgãos governamentais, incentivarem a leitura junto aos mais diversos públicos. A velocidade com que estes projetos formam multiplicadores de leitura e angariam novos leitores é também um forte indicador de que, se lhe é oferecido acesso à leitura, o brasileiro não recua e a desfruta com prazer, gosto e vontade. O Vivaleitura é um instrumento que tem contribuído para ampliar, democratizar e fazer do Brasil um país de leitores, gozando plenamente do direito de ter acesso à informação e ao conhecimento que o livro, em todos os seus suportes, proporciona.

“Os cinco anos do Vivaleitura retratam a força de vontade do brasileiro em ler e sua criatividade para ampliar o acesso aos livros”

José Castilho Marques Sec. Exec.do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL) dos Ministérios da Educação e Cultura Mônica Messenberg // Fundação Santillana no Brasil

Por Ig

Em 1995 a Pixar cravou seu pé na História do cinema com o lançamento de Toy Story, animação computadorizada que tornou popular as figuras do cowboy Woody (Tom Hanks) e do astronauta Buzz Lightyear (Tim Allen) - ambos brinquedos do garoto Andy, que no primeiro longa-metragem tem apenas seis anos. Após uma sequência bem sucedida, que brinca com a mitologia em torno da dupla de personagens principais, o estúdio revisita os famosos brinquedos e consegue, quinze anos depois de seu lançamento, dar um final digno para a saga que mudou a maneira de crianças e adultos assistiram juntos a uma animação. Desta vez a turma de Woody, após sofrer algumas baixas, encontra-se abandonada

no baú de brinquedos de seu dono, agora um adolescente às vésperas de ir para a faculdade. Sem destino certo, os personagens temem acabar esquecidos no sótão da casa ou pior, jogados no lixo. Certo de que Andy não os abandonaria, Woody é o único a não perder a fé quando a turma é acidentalmente levada a creche Sunnyside, onde acaba conhecendo uma dezena de novos brinquedos liderados pelo urso Lotso (Ned Beatty) e seus amigos - entre eles o boneco Ken (Michael Keaton), que ao lado de Barbie (Jodi Benson) protagoniza algumas das sequências mais hilárias da animação. Empolgados com a possibilidade de divertir novas crianças, os brinquedos de Andy logo descobrem que a creche não é o lugar fantástico que parece e retornar ao seu antigo dono pode ser a única chance de redenção. Divulgação

TIVO. As mostras permanecerão expostas, com entrada franca, até o dia 30 de Julho na Pinacoteca Universitária, localizada no Espaço Cultural da Universidade Federal de Alagoas. Horário de visitação é, nas segundas, quartas e sextas-feiras das 8h30 às 12h30 e das 14h às 18, e nas terças e quintasfeiras das 8h30 às 12h30 e das 14h às 20h.

Estandartes Juninos A exposição pode ser vista no Museu Théo Brandão/ UFAL. A mostra reúne estandartes confeccionados por artistas alagoanos, a exemplo de Adriana Jardim, Beta Basto, Gil Lopes, Aquiles, José Carlos e Persivaldo Figueirôa. A exposição, que fica em cartaz até o dia 03 de julho, está aberta ao público no horário de funcionamento do museu, de terça a sexta, das 9 h às 17 h, e aos sábados, das 14 h às 17 h. A entrada é gratuita. O Amor de Graça e Liano e Outras Histórias Local: Galeria Sesc, Sesc Centro (Rua Barão de Alagoas, 229, Centro) Período da exposição: até 18 de junho Horário de visitação: de terça a sexta-feira, das 09h às 18h (não fecha para almoço - outros horários podem ser agendados) Entrada franca Mais informações: 3326-3133 e 0800 284 2440 Multiplasticidade Em celebração ao Dia do Artista Plástico, foi aberta a exposição "Multiplasticidade", que reúne pinturas, fotografias, desenhos e esculturas de 30 artistas alagoanos. Serão 38 obras das mais variadas vertentes das artes visuais espalhadas pelo salão do Memorial à República, localizado na Avenida da Paz, em Jaraguá. A exposição Multiplasticidade permanece em cartaz até 30 de junho. O Memorial fica aberto de terça à sexta, das 9h às 17h; e sábados, domingos e feriados, das 14h às 17h. Mais informações: (82) 33157869.

Cinema em Maceió Shopping Maceió (3218.9700) Toy Story 3 Animação (13:30 16:00 exceto dom) 18:30 21:00 Livre Plano B Comédia

(14:30 16:45 exceto dom) 19:00 21:15 12 anos Zumbilândia Terror 10:30 (somente sábado) 14 anos

Shopping Farol (3218.9777) Príncipe da Pérsia: As areias do tempo Ação aventura (13:30 16:00 exceto dom) 18:30 21:00 12 anos Esquadrão Classe A

(14:00 exceto dom) 18:45 Ação/Aventura 12 anos Cartas para Julieta (16:30 exceto dom) 21:20 Comédia 10 anos

Shopping Pátio Maceió Cartas para Julieta Comédia 19:30 15:00 (exceto domingo) 10 anos

Ação aventura 13:30 (somente sáb) 16:10 (exceto dom) 18:40 21:10 (exceto 3ª) 12 anos

Esquadrão Classe A 17:05 (exceto dom) 21:40 Ação/Aventura 12 anos

Toy Story 3 Animação (15:20 17:45 exceto dom) 20:10 (13:00 22:30 somente sáb) Livre

Plano B Comédia (16:00 18:20 exceto dom) 20:40 22:50 (somente sáb.) 12 anos Príncipe da Pérsia: As areias do tempo

Toy Story 3 em 3D Animação (14:50 17:20 exceto dom) 19:40 (12:30 somente sáb) Livre

Cine Sesi (3336.2277) O segredo dos seus olhos Policial 16:30 (exceto dom) 12 anos

Os famosos e os duendes da morte Drama 21:00 (quarta e quinta) 14 anos

Viajo porque preciso, volto porque te amo Drama 21:00 (sexta e sáb) 16 anos

Olhos azuis Drama 21:00 (segunda e terça) 14 anos

Horóscopo

O melhor filme da trilogia estréia com emoção, drama e um primor técnico inigualável

> CULTURA

Secult lança concurso para projeto de artes cênicas Com o intuito de trazer à cena cultural as novas faces da dança e do teatro alagoanos a Secretaria De Estado da Cultura - SECULT com patrocínio da Caixa Econômica Federal CAIXA lançou o Prêmio de Incentivo à Produção e Circulação de Projetos em Artes Cênicas em Alagoas. O edital com premiação de R$ 27.000 reais para cada um dos dez contemplados tem a intenção de fomentar as artes cênicas em Alagoas. A premiação será distribuída em R$ 12 mil para a produção e até R$ 15 mil para a circulação de acordo com a ordem decrescente de pontuação dos participantes. A iniciativa de retomar o edital que visa fomentar a dança e o teatro em Alagoas foi bem recebida pela comunidade artística local. "É importantíssimo o lançamento deste edital, pois

para os grupos de teatro a circulação dos projetos supre a necessidade desses grupos terem mais visibilidade com a montagem de novos trabalhos", afirma Regis de Souza, do grupo de teatro Nêga Fulô. A dança que terá participação nesse processo de disseminar novos espetáculos será igualmente agraciada com a premiação sendo um incentivo para que grupos de dança possam investir, por exemplo, na manutenção de espetáculos. "O incentivo financeiro é também o reconhecimento do trabalho do artista, é também o que ajuda a manter esse trabalho", observa Isabele Rocha coordenadora do curso de Licenciatura em Artes Cênicas da Universidade Federal de Alagoas - UFAL. As inscrições irão até o dia 16 de julho de 2010. Podendo ser realizadas na sede da SECULT.

Áries Áries deverá fazer um esforço para controlar todas as suas energias que estarão exaltadas e poderão ser a causa para algumas reações inesperadas. Touro A conjuntura propicia para Touro uma semana de mudanças globais, desde que conduza a sua vida aproveitando oportunidades e não se prendendo a pormenores. Esta semana deve ser mais rápido do que é habitual. Gêmeos Durante esta semana Gemeos deve agir com muita cautela, não fuja de compromissos ou de comportamentos habituais. No setor sentimental diga o que tem a dizer de forma muito direta, caso não o consiga pode criar equívocos. Câncer Câncer pode deparar-se com a necessidade de ter de fazer algumas opções determinantes para o seu futuro. Mesmo que lhe pareça ousado e temerário, tente analisar julgar e decidir com o seu coração. Leão Semana muito construtiva para Leão, a conjuntura é promissora em termos de capacidade criativa, revelando momentos de exceção para se fazer escutar e apoiar. Momento favorável à conquista de novas posições. Virgem Virgem passa por um Momento favorável a fazer-se ouvir, embora a sua opinião seja que nem todos são dignos de dialogar consigo. Estão favorecidos:

o domínio filosófico e o ensino. Libra Libra terá um semana marcada pela instabilidade e dificuldade em gerir tempos e recursos, vai querer fazer tudo ao mesmo tempo e muitas solicitações surgirão em simultâneo. Escorpião A conjuntura define uma semana em que Escorpião se sentirá mais calmo e em alguns casos mais preparado para enfrentar coisas que não dependem só de si. Há tendência para modificações benéficas. Sagitário Sagitário vai se sentir mais entusiasmado e realizado com a vida, partilhe o bom momento que está atravessando. Conseguirá reunir pessoas e os recursos adequados às suas necessidades. Capricórnio Conjuntura com desenvolvimentos pouco satisfatórios para Capricórnio, a maioria dos obstáculos, serão contornáveis com apoios e reforço da força de vontade. Aquário Para Aquário a conjuntura traz uma semana em que a suas capacidades e atributos estão ao mais alto nível. Está verdadeiramente protegido, basta apenas aproveitar com força as boas influências. Peixes A conjuntura traz para peixes esta semana compensações e benefícios que são inteiramente merecidos. Prepare com rigor novas atividades ou investimentos.

O tempo e as marés - 21/06

30º Nascer do Sol: 05h38

Pôr do sol: 17h12

21º Probabilidade de chuva: 80%

Lua crescente

Marés altas 11h43..........1,9 ---------------------

Marés baixas 05h30..........0,7 18h06..........0,6


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

Opinião |B7

Foto da semana

Editorial

Atribuição do eleitor A chamada lei da Ficha Limpa, que exclui do processo eleitoral os políticos condenados em segunda instância (por um tribunal) foi aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo presidente da República, mas não se sabe ainda se poderá ser aplicada este ano. Será objeto de demanda judicial. Mesmo com a manifestação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cuja maioria dos ministros decidiu que a norma já deve ser aplicada nas eleições deste ano, o assunto está pendente e deverá terminar no Supremo Tribunal Federal (STF). A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) também entende que a lei deve ser aplicada em 2010, mas há uma corrente de juristas argüindo o dispositivo constitucional que exige a chamada anualidade (qualquer mudança da legislação só valerá se aprovada um ano antes do pleito). Mas, ainda que valha já este ano, a nova lei ainda suscita outro questionamento: deve ser aplicada a quem já foi condenado ou apenas a quem vier a ser condenado por um colegiado de juízes? A esse respeito, há juristas lembrando que a lei não pode retroagir para prejudicar (conforme dispositivo constitucional). Ora, diante da incerteza, o que fazer? Muito simples: o eleitor procure saber quem são os políticos (pretensos candidatos) já punidos pela Justiça por crimes previstos no texto da Ficha Limpa, e simplesmente os excluía do processo. A lei tem justamente essa finalidade, mas, não podendo ser aplicada já este ano, remete-se ao cidadão à atribuição de pôr em prática seus efeitos. Nada mais simples, direto e objetivo do que o eleitor refletir e decidir: "Nesse eu não voto porque cometeu um crime e já foi condenado por um tribunal". Se todo eleitor agir dessa forma, a eleição será limpa e o país terá a garantia de que estará livre de homens públicos que não merecem representar o povo com mandato eletivo. Indiferente às críticas, Seleção mostrou que tem bagagem para ir adiante e até conquistar o sexto título mundial

Vitória dos agricultores e aposentados

Dívida opressora

Na semana que passou o Alagoas. Para chegarmos governo do Presidente Lula até a lei 12.249 tive várias tomou medidas acertadas reuniões com a área econôem dois setores muito im- mica do governo e até com portantes para a economia o presidente Lula, que probrasileira, especialmente meteu a anistia aos agriculpara o estado de Alagoas. tores quando inaugurou a Inicialmente foi sancionado adutora Helenildo Ribeiro o aumento de 7,72% para em Palmeira dos Índios, no os aposentados que rece- ano passado. bem benefícios acima de Com a nova lei ficam perum salário mínimo e, logo doadas as dívidas cujos saldepois, foi anunciado o dos devedores atualizados perdão das dívidas dos pelos encargos financeiros pequenos agricultores de sejam de até R$ 10 mil. Na Alagoas. mesma lei ficou autorizada Quando presidi o Congres- a concessão de descontos so tive a oportunidade de de até 85% para liquidar, criar a comissão que suge- até 30 de novembro de riu a nova fórmula de 2011, daquelas operações aumento do salário míni- de crédito rural superiores mo: inflação passada mais a R$ 10 mil. o percentual do crescimen- A mesma lei suspendeu até to do PIB, o que permitiu 30 de novembro de 2010 as ao salário mínimo recupe- execuções judiciais que esrar seu poder de compra. tavam criando verdadeiro Desde então venho insistin- ambiente de terror para os do em estenagricultores. der a mesma Uma execu“Quando presdi o ção absurda fórmula para os aposentaCongresso tive a que não colados. O presiborava com oportunidade de dente Lula uma solução. criar a comissão Ao contrário, teve sensibilidade com os agravava o para tratar do cara-enrugaproblema, salário mínimo” das e os apocondenando sentados o pequeno também tiveprodutor ram aumento acima da in- rural a abandonar sua ativiflação, o maior desde 1995. dade, com reflexos negatiA repercussão sócio-econô- vos para a economia das mica do aumento dos apo- regiões mais pobres. sentados para Alagoas é Outro ponto importantíssimuito positiva. Afinal, a mo para Alagoas foi a prorprevidência paga benefícios rogação da subvenção ecoa mais de 380 mil alagoa- nômica concedida aos penos, mensalmente e, em quenos e médios produtomuitas cidades, este dinhei- res de cana-de-açúcar do ro, que nunca atrasa, é o Nordeste, especialmente de responsável pela movimen- Alagoas. A subvenção, uma tação da economia de vá- equalização de custos, rerias cidades. Os benefícios presentará um incentivo de pagos pela previdência em R$ 5,00 por tonelada de catodo estado respondem na de fornecedor, limitado por 10% de todo PIB ala- a R$ 10 mil por produtor. goano. Outra medida de impacto Renan Calheiros foi o perdão das dívidas do É senador e líder da bancada do PMDB pequenos agricultores de

O Brasil é um exemplo de país com elevada dívida externa. Este mal começou logo após o processo de independência (1822). Para reconhecer nossa Independência, Portugal exigiu o pagamento de 3 milhões de libras esterlinas. Como o Brasil não possuía tantos recursos, fez um empréstimo à Inglaterra e efetuou o pagamento em 1824. Tinha início aí nossa dívida externa. Depois desse breve histórico, ressaltamos que a dívida tem sido um dos importantes focos do governo brasileiro. Ela continua em patamares absurdos, considerando também a dívida interna, e nos leva a pagar por ano, só de juros, a bagatela de 200 bilhões de dólares. Se fosse destinado um pequeno percentual desse dinheiro para educação e pesquisa, saúde, transporte e segurança pública, já seria um avanço. Mas o governo parece incapaz de propor uma negociação como essa, tal sua fragilidade diante da sede de lucro dos credores. Parece que os países em desenvolvimento estão condenados a uma perpétua submissão nesta relação injusta. E esta injustiça, em especial com o Brasil, se apresenta de diversas formas, desde as altas taxas de juros, bem como a preços não competitivos em nossas exportações. Há também uma presença significativa de empresas estrangeiras que remetem seus fabulosos lucros para o exterior. Sem

contar com a burocracia, os contratos internacionais que sempre nos impõe cláusulas abusivas, e a falta de compromisso para com o país. Dentro deste quadro dantesco, a dívida hoje soma cifras astronômicas, nada menos do que 1,400 trilhão de dólares. Estes valores estão pulverizados no setor público e privado, inclusive, na participação de empresas estrangeiras na compra de títulos públicos. Nesta situação, o governo tem ficado de mãos atadas e não tem feito investimentos na nossa infra-estrutura e nem na ciência e

“O que assistimos nas últimas décadas foi à queda da qualidade de vida do brasileiro com desemprego, violência...” tecnologia. O que assistimos nas últimas décadas, foi a queda da qualidade de vida do brasileiro com o desemprego, violência, decadência da escola pública, péssimo sistema de transporte, e saúde de quinta categoria. Ainda temos visto

um aumento desenfreado de uma população desqualificada e ignara, inchando o país sem fazê-lo crescer. O malfadado sistema político criou uma ditadura do voto, onde há poucas alternâncias de novas lideranças menos viciadas. A própria corrupção é também um dos fatores que concorrem para o aumento da dívida e atraso da sociedade. Winston Churchill afirmara certa ocasião que uma república se constrói em mil anos, como fora construída a monarquia representativa britânica. Nós nunca tivemos um Churchill, mas temos um Delfim, o homem que defende que é preciso tomar empréstimos para crescer. Por pura ironia da história, ele, o Delfim todo poderoso, era veementemente criticado por suas decisões e posições na área econômica. E hoje, é um dos conselheiros do governo dos seus ex opositores. Mas voltando aos mil anos estabelecidos por Churchill para se construir uma solidez republicana, no caso de um país sem escrúpulos e oprimido como o nosso, esses mil anos pulam pra dois mil. Ora, já andamos 500 anos, faltam ainda 1.500 pela frente. Avante Brasil, com sua história de atropelos. Que história? Sua petit história. Jasson Ferreira Lima Cronista bissexto

Por uma vida melhor Os descendentes de Adão - ou dos símios, a critério do freguês - descobriram o mapa da felicidade. Sim, usaram alguns fatores para medir o grau de felicidade do ser humano em vários pontos do Planeta. Foram juntando as pedrinhas e descobriram o que já se sabia: nem o Haiti nem o nosso país estão nos vinte primeiros lugares. A Dinamarca foi o que mais pontuou e os dinamarqueses passaram a ser considerados as pessoas mais felizes do mundo. Tomou-se como base os itens - educação, saúde, segurança, etc. - que todos sabem da maior importância, mas que tem pouca valia nos países que não ocuparam as primeiras posições. O estudo, feito por universidade do Reino Unido, deve ser encarado como sério e não há por que imaginar que não é ou que não seria. Podemos questionar alguns fatores que certamente não entraram em questão, como por exemplo, alguém pode ser feliz num país onde a temperatura raramente tem dois dígitos na escala Celsius? Pelo visto, sim. O relevante é que, de certa forma, desmistificou o que se apregoava através da propaganda (enganosa, claro) de que o paraíso fica ali ou acolá. Prefiro, para o caso, usar o "a felicidade não se compra", título brasileiro que foi dado para It's a Wonderful life, de Frank

Capra. Aliás, é o filme mais visto pela tevê no dia de Natal em boa parte do mundo e, principalmente, nos EUA. Por que será? Voltemos à suposta felicidade. Os estudiosos de Leicester - nome da universidade que conduziu o trabalho levaram em consideração vários fatores, inclusive o grau de satisfação das pessoas com os rumos do seu país. Novamente a Dinamarca se destacou.

“O estudo, feito por universidade do Reino Unido, deve ser encarado como sério e não há por que imaginar que não deveria sê-lo” Essa associação está ligada ao comportamento da sociedade e, principalmente, à educação, num país onde o desemprego é um dos menores da Europa e o seguro-desemprego está atrelado a programas de reeducação, ou seja, sem boca pequena. Educação, por sua vez, é tratada com seriedade; lá, o bolsa-esco-

la jamais teria nascido pela impossibilidade de se vercriança fora da escola. Tenho orgulho de ter nascido e morar neste país inzoneiro. Tenho amor pela minha terra, pelo nascer/por do sol tupiniquim, pelo mar (leia-se litoral nordestino), pelo céu de brigadeiro em boa parte do ano (leia-se céu nordestino), pelo clima que não exige roupas pesadas de lã nem boinas, botas, tapa-ouvidos e muita paciência para esperar a nevasca passar, o carro ligar e a neve dar passagem se tiver o esforço do morador ou de alguém pago por este. Por outro lado, não tenho orgulho e nem consigo me acostumar com essa suciata generalizada e institucionalizada em todos os cantos do país, onde a mais valia está atrelada ao "um pra mim, um pra tu e um pra eu", reedição do mesmo espírito das Capitanias Hereditárias. O título deste texto é o mesmo do filme de Sam Mendes, que mostra um casal à procura de um local onde possa viver bem e melhor junto com o filho que vai nascer. Parece que o objetivo do par é o mesmo de todos, independente se o lugar começa com "D" ou com "B". José Carlos Poroca Advogado

> OS ARTIGOS SÃO DE RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES E NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DESTE JORNAL

PRIMEIRA

Luiz Carlos Barreto Goes Diretor-Geral

Romero Vieira Belo Diretor Editorial CNPJ 05.593.455/0001-8 CNPJ: 08.078.664/0001-85

Alda Sampaio Diretora Comercial

Privativa Comunicação e Representação Ltda. Representante nacional do Primeira Edição São Paulo: (11) 4197-1799 Rio de Janeiro: (21) 2262-6146 Brasília: (61) 3326-7876

Salvador: (71) 3341-2980 Recife: (81) 3241-1680

Endereço: Rua Ubiracy Costa Ferreira, 145 Jatiúca | CEP 57.036-780 Fone: (82) 3033-3502 Maceió | Alagoas Atendimento ao assinante: (82) 3033-5213 / 3033-2189


Primeira Edição | 21 a 27 de junho, 2010

B8 | Social COCADA DA ANA!

Logo na entrada do Mercado Público do Jaraguá tem um pequeno quiosque com cocadas de leite condensado; por sinal, a mais saborosa. Mas existem também aquelas com sabor de goiaba e maracujá. O açúcar é na medida; o sabor do coco é presente, inclusive com pedaços da fruta. Fonte: Nide Lins

CARAS E BOCAS

Reprodução

Chico Brandão

FORROZADA!

WWW.TUDOQUEHA.COM.BR anamonteiro@primeiraedicao.com.br Site e Coluna(on-line)

O QUE HÁ! S I G A -M ME NO TWITER http://twitter.com/ColunistaAninha SKYPE : a n i n h a . m o n t e i r o 5 MIMOS!

Sempre amáveis e atenciosas, as queridas Sandra Valéria e Micheline Braga, que me enviaram mimos, para curtir os jogos da Copa do Mundo. Merci.

AI, QUE FRIO!

O médico da seleção, José Luiz Runco, usou nos jogadores, na estreia da copa, contra a Coréia do Norte, uma pomada especial contra o frio. O preparado contém os efeitos da temperatura – que, pela previsão, esteve entre zero e cinco graus na hora do jogo, (20h30m, 15h30m em Brasília).

JOVEM APRENDIZ!

Marcos Gonçalves, gerente da Petrobras em Alagoas, coordena mais uma edição do Programa Petrobras Jovem Aprendiz, que está beneficiando 20 jovens do município de Pilar, oferecendo capacitação técnica para a conquista do primeiro emprego.

EM CUIABÁ!

G i l A c c i o l l y , e d i t o r a -cc h e f e e c o l u n i s t a d a r e v i s t a alagoana “Evidência Cosmopolita”foi agraciada com um Troféu Winner - pelo colunista social Gilberto V i t o r i a n o – q u e f o i e n t r e g u e , s e x t a -ff e i r a , ( 1 8 ) e m Cuiabá.

FESTA JUNINA VERDE E AMARELO!

Esse ano, as festas juninas ganham uma "pintura" especial, nas cores verde e amarelo. E para entrar no clima da Copa do Mundo sem esquecer da tradição nordestina, o Maceió Shopping recebeu opções de brincadeiras típicas do período, como Pescaria, Tiro ao alvo, jogo de argola e roleta, além de decoração espe cial assinada por Mirna Porto.Assessorando Renata Pais.

EM TERRA!

No salão Vênus do hotel Enseada, quem circula por lá, é toda tripulação da Gool Linhas Aéreas em razante na seara, a hair style Vilma Menezes rindo á toa.

A cidade de Marechal Deodoro na quinta feira, (17) recebeu muitos e bons para o balança esqueleto das bandas Aviões, Plays e Forrozada. O Prefeito Cristiano Matheus e Melina receberam seus convidados em um loung vip do camarote. No palco prestigiei minha amiga Sol, (Aviões) e recebi mimos da cantora. Por lá: A família CDR encabeçada por Raul Peixoto e sua esposa Vânia, George Tenório com Nathália, Keko, o Prefeito Fabinho, (Feira Grande)Dep.Mauricio Quintella a super carismática Mari, Patricia Barros e Alysson, Anne Barros e Téo e muito e muitos...

End: Av. Dr. Antonio Gomes de Barros 172, Jatiuca. ( A n t i g a A v . A m é l i a R o s a ) F o n e : 3 2 3 5 -2 2718. Melhor sushi da seara. Ganhe desconto já que é leitor, (a) da coluna.

CASA DO CORONEL!

Domingo, (20) o gatinho Gabriel Barros reuniu sua galerinha e soprou mais uma velinha no apt de seu a v ô o e x -g general Eufrásio Barros, (que também aniver sariou) com música ao vivo, futebol e muita gente ani m a d a . F o t o s e m b r e v e n a s c o l u n a s o n -ll i n e .

Chico Brandão

CASA DO CORONEL! Domingo o gatinho Gabriel Barros reuniu sua galerinha e soprou mais uma velinha

BALAKUBAKOS FORRÓ, FORRÓ, FORRÓ!

Divulgação

FIRST CLASS A q uarta-ff eira, ( 16) f oi d e f esta e m S alvador p ara comemorar o aniversário de uma das pessoas mais queridas e famosa da Bahia. A promoter e Publisher Licia Fabio, que recebeu amigos no lounge do restaurante Amado numa noite de alegria e surpresas. Entre os convidados a presença de Ivete Sangalo. Merci pelo convite.

FORRÓ DA CSM! O coronel Átila Andrade s erá a nfitrião d e u m grande arraiá no próximo dia, (3). Divulgação

GENILDA L ACERDA, A UXILIAR ADMINISTRATIVA DA AMA! Irá comemorar seu aniversário com muito forró no próximo dia, (24).

SOLTANDO A LÍNGUA CIVILIDADE!

O que eu gostaria de ver mesmo é esta civilidade demonstrada na copa do mundo na hora do voto. Que cada torcedor vestisse a camisa verde a amarela na hora de votar e detonasse de uma vez por todas essa verdadeira seleção de ladrões que infestam o nosso congresso nacional, hoje conhecido como a casa da mãe joana. Que não reelegessem essa cambada de ladrões, vendilhões da Pátria, mensaleiros... Isso sim seria prova de amor pelo Brasil.

SÓ S E F ALA N ISSO!

O movimento Cala Boca, Galvão, que está em primeiro nos tópicos mais populares do Twitter desde o início da Copa, (como foi dito aqui), chegou ao New York Times e ao El País.

CHEERS!

Para o Vereador Edézio Pereira de São Luiz do Quintude, no último dia, (17) foi super prestigiado por amigos, familiares e correligionários.

POSSE FESTIVA! Eduardo Auto Monteiro tomou posse no sabádo,(19)como presidente da SOAMAR(Associação dos amigos da marinha),na foto com essa colunista e Romeu Loureiro. Márcio Ândrei

CALENDÁRIO DA CULINÁRIA!

HASHI SEU MELHOR SUSHI E TEMAKE! De segunda a segunda. De domingo a quarta das 18 as 00h. De quinta a sábado das 18 as 01h. Segunda e terça promoção casal especial.

CREME DE LÁ CREME! O charmoso casal João Lyra e Carmosina Leite.

CONFETES! P ara E llen A ndrade, secretária e xecutiva d o j ornal primeira edição que é estimada e querida por todos. Divulgação

DICA DA ANINHA! TOUR!

É com a Santa Barbára Turismo, pacotes nacionais e internacionais. Contato: 9939-1 1805.

MADEIXAS!

Salão Vênus Hotel Ensseada, inovando o tratamento capilar da mulherada de plantão. 3314-3 3700

CHYRLIS G ARRIDO!

Instituto Chyrlis Garrido com técnica única em colocar mega-h hair em nossa seara. Inf: 3313-6 6902

DNA!Lourdinha Lyra, (vice-p prefeita de Maceió) e seu tio Carlos Lyra em um te té á te té.

Téo V ilela, a o l ado d o v ereador Edézio Pereira, em vista à cidade de São Luiz do Quitunde


21062010