Page 1

Nov-Dez 2013 Número V

+Social

FESTAS FELIZES! «O meu melhor Natal foi quando o meu sobrinho nasceu, porque ele era pequenino e metia bastante piada. Ele passou o seu primeiro Natal com 4 meses e 5 dias. Eu, nesse Natal, recebi bastantes prendas (videojogos, PlayStation, etc.), mas a melhor prenda foi o Nuno Daniel. Era muito querido e fofinho.» Carlos Amorim, 10 anos Bairro da Araucária

«No Natal, recebo muitas prendas. Uma delas é uma que eu sempre quis. No dia 25 de Dezembro à noite, a minha família reúne-se quase toda e comemos bacalhau com natas, rabanadas, bolo-rei, bolo de chocolate, sumo de ananás, Ice Tea, Coca Cola.» Marta Machado, 10 anos Bairro da Araucária

«O meu melhor Natal foi quando recebi a minha bola e o meu telemóvel. A tradição da minha terra, que é nos Açores, é ir com os familiares a casa de amigos para comer bolos, rebuçados e beber sumos. Gosto do Natal porque estou com os meus familiares e adoro receber presentes muito fixes.» Lázaro Barbosa, 12 anos Bairro da Araucária

«Para mim, o Natal é feliz porque é quando a família se reúne, recebemos prendas, comemos muitos doces., fazemos a árvore de Natal e o presépio. O Natal, para umas pessoas, é um dia igual aos outros, mas para as crianças é um dia feliz.» Mariana Fernandes, 12 anos Bairro de Parada de Cunhos


Editorial «Eu gosto muito do Natal por termos férias e por O Projeto +Social.E5G é um projeto que nos

cativa,

nos apaixona e

nos

estimula. Em primeiro lugar, porque tem por

base

o

valor

da

Igualdade, aspeto fundamental

para

qualquer Município que se queira inclusivo

passá-lo sempre com os meus pais, irmãos e avós. Comemos bolos, bebemos sumos e, ao jantar, comemos bacalhau e outras coisas. Nós abrimos as prendas à meia-noite e, neste Natal, vou receber um tablet. Na noite de Consoada, brinco com o meu sobrinho e, à meia-noite, partimos sempre um copo.»

e sem o qual nenhum projeto de políticas sociais públicas faz sentido.

Depois,

Liliana Almeida, 11 anos

porque trabalha a faixa etária das crianças

Bairro da Araucária

e jovens, que assim incorporarão na formação

do

experiência

de

seu

carácter, esta

partilha,

respeito

e

responsabilidade no ambiente fraterno do

«No Natal, como bolos e chocolates, bebo sumos, jogo videojogos, fico acordado até mais tarde, abro as prendas e vejo televisão. O meu Natal é fixe!»

seu bairro. É também por aí que este

Nuno Amorim, 11 anos

projeto enamora, porque é trabalhado nos

Bairro da Araucária

próprios

bairros envolvendo,

«No Natal queria receber todas as PS, com todos os

transversalmente, a restante comunidade,

jogos, ir viver com o meu pai e deixar os meus

como as famílias e as associações.

irmãos. Queria um PC, um iClone 5, um tablet e um

Finalmente, é um projeto de trabalho em

iPad.»

rede, “obrigando” a sentar à mesma mesa

Rafael Carvalho, 10 anos

o Município e os diversos atores do

Bairro da Araucária

concelho, com visões parcelares mas complementares que, bem aproveitadas, poderão

fazer

um

puzzle

muito

interessante do ponto de vista social. Os sinais são positivos e o voto de confiança agora dado pela direção nacional do programa, ao autorizar a sua continuação, vai

ao

encontro

do novo executivo,

no

da

visão

sentido

de

acarinhar e projetar no futuro esta ideia.

«Eu gosto muito do meu Natal porque passo-o sempre no Porto, com a minha família. Na Consoada, vejo televisão com o meu primo Francisco. Na hora de jantar, comemos as entradas, depois jantamos e, por fim, as sobremesas. Recebo as prendas e desembrulho-as. Fico a ouvir os meus primos a cantar até às 4h e ainda lhes digo que os vidros vão rachar, mas eles não ligam. Quando é para ir para a cama, fico a ver filmes até adormecer. Neste Natal, gostaria de ter uma Nintendo 3DS.»

Eugénia Almeida Vereadora para o pelouro da Coesão Social e Igualdade

Mariana Pires, 10 anos Bairro da Araucária Página 2


Novembro em imagens

Dia Mundial da Luta contra a SIDA No dia 29 de novembro das 14H30 até às 16H30 fomos para o largo da Câmara Municipal de Vila Real para comemorar a luta contra a Sida. Distribuímos panfletos com informações relativas ao HIV, distribuímos abraços gratuitos, para transmitir que a SIDA não se pega com um abraço. Dançámos, largámos balões e criámos um laço humano, símbolo da luta contra a SIDA.

Acção de Formação—CID NET Pedro Capela, 12 anos

Nas ações de computadores, aprendemos segurança na Internet, escrevemos textos e aprendemos também a pôr o nosso perfil privado no Facebook por causa dos desconhecidos. Elaboramos exercícios de formatação de parágrafos e tabulações. Rui Parauta, 14 anos Bairro de Parada de Cunhos Página 3

Bairro de Parada de Cunhos


II Encontro Nacional Assembleia de Jovens Escolhas (AJE) Nos passados dias 19 e 20 de Dezembro ,realizou-se o II Encontro de Assembleia de Jovens. O Projeto +Social E5G esteve representado pelo presidente local, Ricardo Dias.

O encontro, que reúne representantes distritais e regionais das Assembleias de Jovens Locais dos projetos, decorreu nos dias 19 e 20 nas instalações do Inatel na Costa da Caparica. Resultado de uma parceria da Associação Coolpolitics com o Escolhas que visa a capacitação dos jovens destinatários dos projetos locais, nos domínios da participação cívica e política, através de uma experiência democrática ativa. A formação procurou, através de uma metodologia não formal, cativar os jovens para olharem, conhecerem e pensarem sobre a organização política do seu bairro, do país, da Europa e do mundo. As sessões debruçaram-se sobre áreas temáticas dedicadas aos principais atores das sociedades democráticas – os Cidadãos, Parlamentos e Assembleias, Presidências, Governo, ONGs, Lobbies, Media e Tribunais. Ao longo deste ano, os projetos Escolhas têm vindo a organizar Assembleias de Jovens Locais (AJL), com os seus participantes diretos e indiretos. Foi do universo dos presidentes destas Assembleias que se elegeram 30 representantes distritais e regionais, os quais constituem a Assembleia de Jovens Escolhas (AJE), de âmbito nacional. Este jogo, ilustrada na imagem ao lado, mostra uma forma original de apresentação de todos aqueles que estavam presentes. O objetivo era estarmos sentados quatro a quatro pela sala inteira durante 3 min. Quando esses 3 min passavam, todos tinham que se levantar e procurar novos lugares para se sentar e conhecer outras pessoas. Página 4


II Encontro Nacional Assembleia de Jovens Escolhas (AJE) Jogo de interação entre Cidadãos, Parlamento e Assembleia, Presidência, Governo, ONGs, Media e Tribunais. O grupo foi dividido nestas frações da

sociedade,

no

qual

foi

discutida

a

problemática cyberbullying. Teriam que ser dadas sugestões para resolução do problema e perceber, como mostra a imagem, a ligação que tem cada uma destas frações da sociedade. Para além destas atividades tivemos a realização de mini sketches teatrais de 6 personagens onde era suposto retratar algumas dos direitos/obrigações/deveres que existe na nossa sociedade. No fim de cada teatro, o público teria de adivinhar de que tipo de lei estava a falar o sketch (direito à educação, saúde, etc).

No final houve um convidado especial, falou da sua experiencia de vida, que mudanças fez na sua vida e no fim fez uma demonstração de dança e deu uma aula a todos os interessados na sala.

Página 5


Um Mundo sem Drogas No dia 19 de Dezembro, o +Social contou com a presença das senhoras enfermeiras da UCC Vila Real 1. A sessão abordada foi "Um mundo sem Drogas". Esta actividade teve como objectivo sensibilizar as crianças e os jovens para a prevenção

do

consumo

de

substâncias

psicoativas. As enfermeiras começaram por perguntar o que eram substâncias psicoativas, os tipos de drogas que conhecíamos, os malefícios do seu uso e realizámos trabalhos relacionados com o tema. É importante termos estas ações para podermos estar mais informados. Lídia Borges, 12 anos Liliana Paiva, 8 anos Bairro de Parada de Cunhos

Festa de Natal No dia 20 de Dezembro, realizou-se a festa de Natal do +Social. E5G, onde não faltou música, teatro, dança, alegria e muita animação. No final da festa, aquando o lanche, proporcionouse um momento de convívio ente pais, técnicos e No

participantes final,

foram

diretos

e

distribuídos

indiretos. mimos

de

Natalícios.

Página 6


Natal Solidário

No passado dia 21 de Dezembro de 2013, duas casas, tinta, rolos, pincéis, andaimes, uma equipa solidária e muito espírito de Natal foram os ingredientes de uma tarde diferente para os colaboradores da Ecoar – Marketing e Comunicação, em articulação com o Projeto +Social.E5G de Vila Real. Pintaram-se duas casas de famílias carenciadas na freguesia de Vila Marim, uma ação inédita em Vila Real.

Página 7


Em 2014, gostava de ter a bola oficial do Mundial, com a assinatura do CR7. Rafael Carvalho, 10 anos Bairro da Araucária

Desejos para 2014 Gostava de ir à Suíça, andar de barco, porque deve ser muito fixe, e passar o ano todo com o meu sobrinho, porque gosto muito dele.

Viajar, jogar bowling

Carlos Amorim, 10 anos Bairro da Araucária

porque

de

desporto e aprender a

Queria ver o meu sobrinho a

gosto

tocar

bateria

Queria ir à Disneyland e um

porque é o meu

telemóvel. Quero que haja o

sonho.

+Social, porque é divertido.

crescer, porque gosto de tê-lo ao

Diogo Silva, 10 anos

pé de mim. Gostava de visitar a

Ana Carolina Rede, 10 anos

minha família que está no Porto,

Bairro da Araucária

porque tenho saudades.

Bairro da Araucária

Gostava de estar em família, de receber presentes e de comer doces

Filipa, 10 anos

porque sou gulosa.

Bairro da Araucária

Maria Inês, 9 anos Bairro da Araucária

Gostava que 2014 fosse o último ano de escola, gostava de ter muita saúde e de ir a Londres, porque é uma cidade fabulosa. José Magalhães, 12 anos Bairro da Araucária Página 8


Em 2014, gostava de ir a Londres ver o Big Ben e todos aqueles autocarros. Gostava de ir ao encontro dos One Direction, que vão tocar no Porto, e eu já tenho o bilhete. Também gostava de ir ver a minha prima bebé, que está em França. Rita Barros Bairro da Araucária

Desejos para 2014

Em 2014, gostava de melhorar a árvore de Natal, de receber prendas e de me divertir. Marta Machado, 10 anos Bairro da Araucária

Gostava Em 2014, quero ter melhores notas e gostava de passar o ano com a minha família, porque os meus irmãos não estão aqui, e ter uma vida feliz. Lázaro Barbosa, 12 anos

de

ir

ao

Porto, porque está lá

Gostava de fazer

a minha tia, ou a

bungee

França

pois é radical, e de

minhas

visitar

as

primas.

Também gostava de

tocar

jumping, bateria

porque é fixe.

brincar com os meus amigos.

Nuno Amorim, 11 anos Bairro da Araucária

Bairro da Araucária Rafaela Almeida, 12 anos Bairro da Araucária

Em 2014, gostava de ir a Londres, Gostava de ir passar as férias de

porque queria conhecer a minha

Verão a Lisboa porque quero ver

banda preferida – One Direction.

a minha prima.

Também queria ir ao Porto para ir outra vez ao hospital ver os médicos

Mariana Penha, 10 anos

que me operaram.

Bairro da Araucária Liliana Almeida, 11 anos Bairro da Araucária Página 9


Os livros da Mafalda Uma menina chamada Mafalda escreveu três livros desde os seus 7 anos, chamados: “Sónia no mundo das letras”; “A máquina do tempo” e “Eu digo não ao não”. Na sua apresentação ela pediu-nos para pegarmos numa folha branca, amarrota-la e depois termos pô-la direita novamente, mas não foi possível. Depois explicou-nos que isso significava que era a mesma coisa se insultássemos os nossos amigos, primos, colegas, professores, irmãos… pois eles ficavam com a mágoa, mas conseguiam perdoar. Ela foi muito simpática, amiga, divertida e falava bem connosco, como se nos conhecêssemos há muito tempo. Ela visitou o +Social para nos explicar como se se produzia livros e como se enviavam para as editoras (através da Internet ou por carta). Disse-nos também que quando era pequenina fazia desenhos com a sua irmã mais velha, mas agora que está mais velha (13 anos) e a irmã já 19 anos, prefere escrever livros. O pai ajuda-a a fazer a divulgação dos livros e a mãe é a sua secretária principal.

«No primeiro dia que frequentei o +Social fiquei envergonhado porque não conhecia ninguém. Depois, fui conhecendo as pessoas bem como elas a mim. Dão-se todas bem comigo. Gosto de todas atividades. São fixes. Quando não tenho aulas, gosto de ir para o +Social fazer desporto, jogar nos computadores, criar trabalhos.» Pedro Pereira, 12 anos, Bairro de Parada de Cunhos

«O +Social é fixe. Eu gosto de andar aqui porque faço os trabalhos de casa e brinco. Queria que houvesse mais vezes o +Social, porque eu quero aprender para passar de ano e quero tirar o curso de bióloga marinha. Quem me vai ajudar são a Cátia, a Sónia e o Josué. São eles que me ensinam.» Liliana Almeida, 11 anos Bairro da Araucária Página 10

Newsletter +Social | Novembro e Dezembro 2013  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you