Page 1

2014 Relat贸rio Anual


2014 Relat贸rio Anual 2

1


Há 15 anos, estamos

de braços abertos para cuidar do futuro e da Saúde do Brasil.

2

3


Sumário 1._ Mensagem do Presidente ............................ 06 2._ ePharma 15 anos............................................. 10 A base dos próximos 15 anos........................... 12 A nossa nova marca ......................................... 14 O valor do que fazemos ................................... 15 Perfil de atuação ............................................... 16

3._ Nosso Desempenho........................................ 18

Negócios que foram destaque em 2014........... 20

4._ Nosso Portfólio.................................................. 22 PBM................................................................... 25 Plenus................................................................ 26 Follow 3.0........................................................... 28 Specialty Care................................................... 30 In Health............................................................. 32 Flex.................................................................... 33 Concierge.......................................................... 34 GRS.................................................................... 36

5._ Nossas Forças................................................... 38 Os pilares do nosso negócio............................. 40 Nossos clientes.................................................. 44 Rede credenciada............................................. 45 A gestão dos nossos 329 talentos .................... 46

6._Governança Corporativa................................ 48 Estrutura............................................................. 51 Diretoria executiva............................................. 52 Regulamentos e controles................................. 54 Relações institucionais...................................... 54 Composição acionária....................................... 55

7._ Responsabilidade Social e Ambiental....... 56 8._ Futuro.................................................................... 64

9._ Resultados Financeiros.................................. 68 4


1 Mensagem do Presidente 6

Luiz Carlos Silveira Monteiro, presidente da ePharma.

7


Mensagem do Presidente

Mensagem do Presidente

1

1

Uma nova fase na nossa história O ano de 2014 trouxe importantes avanços para o setor de saúde e para a ePharma. Atendemos a novas demandas, consolidamos negócios criados ou adquiridos recentemente e preparamos as condições para alcançar um patamar ainda mais alto no segmento de programas de benefícios em medicamentos (PBM). Na área da saúde, um progresso notável foi a entrada em vigor da Resolução Normativa 338, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), exigindo dos planos de saúde a cobertura de 37 medicamentos de uso oral para o tratamento do câncer.

A ePharma se preparou para ajudar os planos de saúde a fornecer esses tratamentos aos seus usuários de forma eficaz e econômica. A ePharma se preparou para ajudar os planos de saúde a fornecer esses tratamentos aos seus usuários de forma eficaz e econômica. O esforço foi recompensado com a conquista de três das maiores operadoras de planos de saúde do País, que escolheram a ePharma para cuidar dos pacientes beneficiados pela nova norma. O ano foi marcado também pela consolidação de negócios criados ou incorporados recentemente.

8

A start-up In Health, adquirida em 2013, passou por um bem-sucedido processo de integração. A empresa atua no segmento de medicamentos biológicos de alta complexidade, cuidando do relacionamento entre indústrias farmacêuticas detentoras de patentes desses produtos e seus pacientes, e fortaleceu o caráter inovador da ePharma. Ao mesmo tempo, sua integração gerou valiosas sinergias. Tanto a nova demanda gerada pela RN 338 quanto a incorporação da In Health fortaleceram também a Flex, operação de entrega de medicamentos em domicílio que criamos com finalidades estratégicas. Outro marco importante foi o lançamento do primeiro plano de medicamentos criado a partir da Resolução Normativa 331, da ANS, que regulamentou a oferta desse tipo de produto no País. Voltado para o mercado corporativo, o Plenus vem recebendo sinalizações positivas de diversos públicos. Em termos financeiros, 2014 foi também um ano muito importante na história da ePharma. O número mais expressivo foi o aumento do faturamento, que passou de R$ 48,9 milhões em 2013 para R$ 110,3 milhões. A evolução reflete os novos negócios e também a conversão de um grande cliente de PBM ao sistema de pré-pagamento. Diferentemente do modelo tradicional, em que a ePharma recebe apenas um percentual do dinheiro gasto pelos beneficiários na compra de remédios, no pré-pagamento todo o valor passa pelo caixa da empresa.

Evidentemente, esse modelo reduz as margens do negócio, como de fato aconteceu. Mas, as margens reduzidas unidas ainda ao ambiente de negócios desfavorável por conta do momento econômico e dos períodos de Copa do Mundo de Futebol e das eleições presidenciais, não foram suficientes para interromper o nosso crescimento e assim encerramos 2014 com lucro 10,8% acima de 2013. No ano em que a ePharma completou 15 anos, ampliamos nossas ações de responsabilidade social e ambiental com três novos projetos. Como está detalhado em seção específica deste relatório, as iniciativas incluem a transformação de nossos processos internos de trabalho e a conscientização de nossos colaboradores para a adoção de práticas de sustentabilidade ambiental. Estamos preparados para seguir em frente com confiança no futuro. Uma das novidades que preparamos para 2015 é o relançamento do Follow, um de nossos produtos mais antigos, voltado para o relacionamento de indústrias farmacêuticas com usuários frequentes de seus produtos. A mudança amplia os serviços prestados, que até aqui se baseavam principalmente na oferta de descontos para manter a fidelidade dos clientes. O Follow 3.0, que estamos lançando, amplia os serviços e fortalece o relacionamento. Outra mudança é que ele passa a se voltar também para o segmento de dermocosméticos, que busca maneiras de estreitar o vínculo com os usuários de seus produtos. Também no sentido de aprimorar o que já fazemos, estão programados importantes investimentos em nosso parque tecnológico. Como toda empresa líder em seu segmento, sabemos da importância de manter o sistema autorizador da ePharma como referência de mercado. Um desafio e tanto, considerando o volume de mais de 80 mil transações por dia, com picos de até 7 autorizações por segundo, em 21.889 farmácias pelo País.

Por fim, quero fazer um agradecimento especial aos nossos colaboradores, que são a principal razão do sucesso da ePharma. Em dois anos, em decorrência dos novos negócios, nosso time mais do que dobrou, ultrapassando a casa dos 300 colaboradores, o que para mim é motivo especial de orgulho, considerando a qualidade dos empre-

Em termos financeiros, 2014 foi também um ano muito importante na história da ePharma. O número mais expressivo foi o aumento do faturamento, que passou de R$ 48,9 milhões em 2013 para R$ 110,3 milhões. gos que geramos. Mas esse crescimento aumenta também nossa responsabilidade de instituir os mecanismos necessários para garantir que dentro da ePharma vigore sempre o espírito da meritocracia, em que o talento, o estudo, o esforço e os resultados alcançados sejam claramente recompensados. Esse é o meu compromisso.

Luiz Carlos Silveira Monteiro, presidente.

9


2 ePharma 15 anos 10

11


ePharma 15 anos

ePharma 15 anos

2

2

A base dos próximos 15 anos A ePharma é a maior empresa brasileira de gerenciamento de benefícios farmacêuticos. A ePharma é a maior empresa brasileira de gerenciamento de benefícios farmacêuticos. Em 2014, ajudou a cuidar de 27,8 milhões de vidas, autorizou a compra de 26,6 milhões de unidades dispensados, num total de R$1,037 bilhão em transações comerciais em 21.889 farmácias conveniadas. Esse volume representa 1,6% de todas as vendas de medicamentos no Brasil. A empresa alcançou esse patamar em apenas 15 anos de existência, completados em setembro de 2014. Mas seria impreciso contar a história da ePharma a partir apenas da sua fundação. Na verdade, o caminho começou bem antes, ao longo da trajetória de vida de seu fundador e presidente, o médico Luiz Carlos Silveira Monteiro. Ao montar a empresa, Dr. Luiz já reunia mais de 20 anos de experiência em diferentes áreas da saúde. Tinha a visão abrangente necessária para introduzir no Brasil o conceito de PBM (Pharmacy Benefit Management).

Medicina e gestão

Dr. Luiz se formou no fim dos anos 1970 e se especializou em cirurgia pediátrica. Paralelamente ao trabalho como médico, passou a atuar na gestão da recém-criada Unimed São Paulo, um dos primeiros planos de saúde privados do País, chegando ao cargo de superintendente da Federação das Unimeds do Estado de São Paulo. Após alguns anos, resolveu deixar o cargo executivo em

12

São Paulo para atuar num dos mais importantes centros de cirurgia pediátrica do País, o Hospital de Pesquisa e Reabilitação de Lesões Labiopalatais da Universidade de São Paulo, em Bauru. Foi nessa época que começou a estudar o tema que iria constituir os alicerces da ePharma: a dificuldade de acesso a medicamentos, o baixo nível de atenção ao tratamento de doenças crônicas e os impactos dessa realidade na piora da qualidade de vida das pessoas e nos custos da saúde.

A conta do remédio

Alguns anos depois, voltou para a Unimed para criar um serviço de oferta de remédios com desconto aos usuários do plano de saúde. Nessa função, aprofundou seu conhecimento sobre as necessidades dos pacientes, aproximou-se da indústria farmacêutica e expandiu sua visão sobre o assunto. Nascia ali seu entusiasmo pelo conceito de PBM, um sistema que concilia vários interesses para ampliar o acesso a medicamentos. “Nos países desenvolvidos, há todo um cenário diferenciado sobre a questão do acesso a medicamentos. Na Europa, o cidadão recebe do governo os remédios de que necessita. Nos EUA, são as seguradoras de saúde e as empresas, por meio de benefícios, as responsáveis por promover esse acesso a medicamentos”, explica Dr. Luiz. No Brasil, a conta do medicamento ainda era considerada em grande parte uma obrigação do paciente.

Princípios Missão

Prover soluções inovadoras em assistência farmacêutica e de ações em saúde, gerando conhecimento e resultados.

Visão

Através de vocação inovadora e parcerias de confiança, contribuir para que mais pessoas melhorem sua condição de saúde.

Valores

1. Relação de confiança, com ética e transparência. 2. Respeito à vida e à saúde. 3. Inovação e excelência no desempenho. 4. Orgulho de ser ePharma. No fim dos anos 1990, resolveu introduzir o modelo de PBM no País e encontrou no empresário Francisco Deusmar Queirós, então presidente da Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias), o parceiro ideal. Deusmar trouxe para o negócio a sua rede de farmácias Pague Menos, então com 400 lojas (hoje, mais de 700), e juntos atraíram outras seis redes, para garantir que a ePharma iniciasse suas atividades já com abrangência nacional.

Primeira rede interligada

Fundada oficialmente em 9 de setembro de 1999, a empresa começou sua trajetória dando conta do desafio de interligar milhares de farmácias a um sistema de autorização de descontos em tempo real. Numa época em que a internet apenas engatinhava e muitas farmácias ainda não estavam plenamente informatizadas, criar a rede exigiu um grande esforço tecnológico. Em torno da rede, a ePharma começou a construir seu portfólio de serviços. O primeiro foi uma linha de planos de PBM para empresas, lançado junto com um esforço para mostrar a elas as vantagens de oferecer esse benefício a colaboradores ou clientes. Em seguida, lançou o Follow, para gerenciar o relacionamento da

indústria farmacêutica com usuários de seus produtos. O pioneirismo rendeu para a ePharma um papel de destaque na história do programa Farmácia Popular, do Ministério da Saúde, que concede descontos acima de 90% em diversos medicamentos. Em 2006, para ampliar sua abrangência, o governo federal decidiu oferecer os remédios também em farmácias particulares. Graças à rede conveniada e ao sistema autorizador de que já dispunha, a ePharma viabilizou a iniciativa em poucos meses. O conhecimento abrangente e a inteligência adquirida em suas operações habilitaram a empresa a lançar serviços de orientação em saúde (Concierge) e gestão de riscos e custos (GRS).

Tratamentos complexos

Com a evolução dos medicamentos e as mudanças em leis que regulamentam o acesso aos tratamentos, a ePharma lançou novos serviços. Entrou no segmento de remédios de alta tecnologia por meio da ePharma Specialty Care, criou a Flex, uma divisão para garantir a entrega e a aplicação adequadas de medicamentos de custo elevado e extremamente sensíveis, fez parceria com clínicas de infusão para tratamentos complexos e passou a prestar serviço também para os planos de saúde. Em 2013, o perfil inovador chamou a atenção de dois fundos de investimentos norte-americanos especializados em empresas de alta tecnologia no segmento de saúde. Com o aporte de recursos, a ePharma adquiriu uma start-up que vinha se destacando na gestão de programas de pacientes de doenças de alta complexidade, a In Health; e tornou-se pioneira mais uma vez ao lançar o primeiro plano de medicamentos do Brasil, o Plenus, em 2014, pouco depois da aprovação de uma norma autorizando esse tipo de serviço no País. Chega aos 15 anos como uma empresa de “inovação, integração e cuidado em saúde”, como define em sua assinatura. Com a força de um grupo experiente de executivos e o talento de 329 colaboradores, está preparada para atender às necessidades de um país ainda com muito por fazer para garantir que os avanços da medicina cheguem a todas as pessoas.

13


ePharma 15 anos

ePharma 15 anos

2

2 A nossa nova marca Em 2015, a ePharma estreia sua nova logomarca. As mudanças sintetizam a evolução do posicionamento da empresa e envolvem cores, imagens e a frase que identifica nossa atuação. A figura humana estilizada ganha braços abertos, reforçando o valor do acolhimento em nossa missão

empresarial. Pela mesma razão, nossa assinatura passa a incorporar a palavra “cuidado” juntamente com os outros dois termos que caracterizam a ePharma: sua capacidade de inovação e seu papel de integração dos diversos segmentos envolvidos no tratamento da saúde.

A EVOLUÇÃO DA LOGOMARCA 1999 a 2009

2009 a 2015

2015

14

A ePharma introduziu o serviço de PBM no Brasil valendo-se de uma forte base tecnológica. A letra “e”, de “eletrônico”, ganhou destaque na primeira logomarca da empresa. O slogan ressaltava a inteligência por trás dos sistemas de gestão de saúde. O foco em pessoas era simbolizado por uma figura humana estilizada à esquerda do logo, dentro de uma caixa.

A figura humana sai da caixa e vai para a direita do logo, para ressaltar seu papel de liderar a empresa. O slogan é mudado, destacando a característica da ePharma de inovar e integrar vários elos da cadeia da saúde.

A figura humana reestilizada ganha braços abertos, e a palavra “cuidado” passa a fazer parte da nossa assinatura.

O valor do que fazemos A boa saúde das pessoas depende de um conjunto de fatores. Saneamento básico, educação, médico, exame e hospital são alguns dos mais importantes. Mas a lista inclui também os remédios para prevenir e tratar as doenças. Com os avanços da medicina, o arsenal de tratamentos disponíveis cresce a cada dia. Existem, no entanto, alguns obstáculos para que os medicamentos possam exercer todo o seu potencial em favor da saúde. O principal é o acesso. No Brasil, boa parte da população ainda não desfruta dos benefícios dos remédios pelo simples fato de não poder comprá-los. Embora o País venha avançando muito nesse sentido, hoje os pacientes ainda arcam com 60% dos custos dos tratamentos, enquanto nas nações mais ricas essa despesa é quase integralmente subsidiada. Vencida a barreira do acesso, outro obstáculo é a adesão do paciente ao tratamento. Cuidar para que ele use os medicamentos corretamente durante o período necessário. Essa é uma condição importante em qualquer tratamento, mas especialmente desafiadora em doenças crônicas, em que a ausência do remédio muitas vezes só é sentida a longo prazo. Acesso e adesão. Esses são os dois pilares sobre os quais a ePharma fundamenta a sua prestação de serviço. Nossas marcas atuam em vários elos da cadeia de valor do segmento farmacêutico, por meio de parcerias com governo, indústria de remédios, farmácias, planos de saúde e empresas que concedem benefícios em medicamentos para seus colaboradores ou clientes.

• Apoiamos

a figura do pagador institucional de medicamento. • Administramos

esse benefício para as nossas empresas-clientes. • Cuidamos do acesso de pacientes do sistema público de saúde a tratamentos complexos e de alto custo. • Ajudamos

as indústrias farmacêuticas a humanizar a relação com os pacientes. • Acompanhamos

os planos de saúde no atendimento de pacientes em terapia contra o câncer. • Entregamos

remédios sofisticados em domicílio.

• Operamos

um sistema de autorização de descontos em milhares de farmácias. Como se não bastasse o impacto na saúde das pessoas, nossos serviços ainda proporcionam resultados financeiros aos nossos clientes, seja na forma de redução de custos, seja na forma de aumento de vendas. Trabalhar todos os dias em torno de serviços que promovem acesso e adesão a tratamentos, melhoram a vida das pessoas e aumentam a eficiência dos gastos com a saúde é a razão do nosso orgulho de ser ePharma.

15


Distribuição geográfica

Vidas cobertas (em mil)

21,9 mil

Saúde

pontos de venda

2.581

5.534

118

municípios

Concierge

1.389

pontos de distribuição (delivery)

Todos os estados e o Distrito Federal

Pharma

9.886

Total

Farmárcia Popular

Pontos de venda por região

6.160

Massificado

3.317

27.847

NORTE

721 farmácias GRS

NORDESTE

Corporativo

2

2.333 farmácias

1.559

CENTRO-OESTE 1.930 farmácias

SUDESTE

Resultados de vendas

SUL

Volume de vendas (em R$ mil)

11.126 farmácias 5.779 farmácias

Corporativo 258.848

Massificado 2.487

In Health

16

Saúde 13.673

Público 132.036

Transações de vendas (em mil) Saúde Corporativo 177 2.280 Massificado 42

Total

Total

14.126

1.037.292

Clínicas (RILA)

Laboratórios (RICI)

Clínicas de infusão por imagem (RIDI)

Clínicas de diagnóstico de clínicas de vacina

Rede integrada

Norte Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul

42 83 35 271 117

16 40 11 83 30

12 19 10 112 52

13 24 14 73 31

1 3 4

Total

548

180

205

155

8

Farmácia Popular 5.189

Pharma 630.248

26,6

Pharma 6.438

MILHÕES DE UNIDADES DISPENSADAS 17


3 Nosso Desempenho 18

19


Desempenho em 2014

Desempenho em 2014

3

3

Negócios que foram destaque em 2014 Em um ano especialmente desafiador, a ePharma obteve avanços importantes em seus negócios. Os principais destaques foram o ótimo desempenho da Flex, prestação de serviço de entrega de medicamentos especiais em domicílio com suporte clínico-farmacêutico, o lançamento do plano de medicamentos Plenus, que projetou a ePharma

para um novo patamar no segmento de PBM, e as sinergias geradas com a integração da In Health, empresa de gestão de tratamentos de alta complexidade adquirida em 2013 que dobrou de tamanho em 2014.

Flex: crescimento de 440% A receita da Flex cresceu mais de quatro vezes no ano. O desempenho está relacionado com a entrada em vigor, em 1º de janeiro de 2014, da Resolução Normativa 338, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). A RN 338 obrigou os planos de saúde individuais e coletivos a fornecer 37 medicamentos orais para o tratamento domiciliar de diferentes tipos de câncer. A Flex, que oferece esse serviço desde 2011, estava preparada para atender as operadoras de saúde no cumprimento da nova norma. Ao longo do ano, conquistou três grandes clientes do seg-

20

mento (SulAmérica Saúde, Prevent Senior e Omint), o que fez sua receita subir de R$ 3,6 milhões para R$ 16 milhões por trimestre (440% de crescimento). Além disso, iniciou negociações para conquistar outros clientes entre as cerca de 450 operadoras de plano de saúde que atuam no País.

Plenus: o plano de medicamentos completo Uma das mudanças mais importantes para o setor de PBM no Brasil foi a Resolução Normativa 310, da ANS, que autorizou a operação de planos de medicamentos nos mesmos moldes dos planos de saúde. Por um preço fixo mensal, o beneficiário tem acesso a todos os medicamentos necessários para seus tratamentos com até 100% de desconto.

Para atender a esse novo segmento, em 2014 a ePharma lançou o Plenus, voltado para o mercado corporativo. O produto propicia várias vantagens para as empresas-clientes. A mais importante está relacionada com a garantia de acesso aos medicamentos por parte dos funcionários. Sem a barreira do custo, eles restabelecem a saúde e a energia para o trabalho mais rapidamente.

Além disso, o produto proporciona às empresas previsibilidade nos gastos com medicamentos. Elas pagam apenas o valor mensal por funcionário, independentemente do quanto eles gastam. Com o Plenus, a ePharma atinge um novo patamar no segmento de PBM, com um plano completo para aproveitar as oportunidades surgidas a partir da RN 310.

In Health: 30 mil novos pacientes O aporte dos sócios-investidores dos fundos Valiant Capital Management e Aberdare Ventures, dos EUA, permitiu à ePharma adquirir a In Health, em 2013. A empresa presta serviço à indústria farmacêutica na gestão de planos de pacientes com foco em medicamentos de alta complexidade e doenças raras.

ampliou sua carteira em 30 mil novos pacientes e dobrou tanto sua receita quanto seu resultado operacional (EBITDA).

Ao longo de 2014, equipes, processos e sistemas foram totalmente integrados à ePharma, gerando inúmeras sinergias. Como resultado, a In Health

21


4 Nosso Portf贸lio 22

23


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4

Como nossas marcas geram valor para os clientes e para a sociedade Em torno de parcerias com redes de farmácias, indústrias farmacêuticas, governo e empregadores, nossas marcas promovem o acesso a medicamentos, aumentam a adesão a tratamentos e fornecem orientações de saúde a milhões de brasileiros. Ao mesmo tempo, geram economia aos nossos clientes, como se vê a seguir.

24

A ePharma cuida para que milhões de brasileiros tenham acesso a medicamentos. Os acordos que a ePharma mantém com redes de farmácias e indústrias farmacêuticas resultam em preços especiais na compra de medicamentos. Esses descontos constituem uma das vantagens dos nossos serviços de gestão de benefícios em medicamentos, conhecidos pela sigla inglesa PBM (Pharmacy Benefit Management). Eles são voltados para empresas e organizações que concedem esse benefício a seus colaboradores ou clientes por meio de um cartão ePharma. A primeira modalidade é a Discount, que proporciona descontos de 10% a 40% em milhares de medicamentos vendidos nas farmácias da rede conveniada. A empresa cliente não participa do pagamento.

Já na modalidade Advantage o patrocinador do programa subsidia uma parcela do custo do medicamento. Além disso, permite que o beneficiário adquira o remédio sem desembolsar os recursos na farmácia, pagando depois, por meio de desconto em folha de pagamento. A ePharma cuida de todas as operações, que incluem modelagem do programa de acordo com as necessidades de cada cliente, emissão do cartão, autorização de compra nas farmácias, elaboração de relatórios gerenciais, entre outras atividades.

Aqui tem Farmácia Popular Há 15 anos, a ePharma foi pioneira no país em gestão de benefícios em medicamentos, ou PBM (Pharmacy Benefit Management). Para oferecer o serviço, precisou formar uma rede nacional de farmácias conveniadas e conectar todas elas a um sistema para controlar e autorizar as compras dos beneficiários. Essa plataforma já estava pronta quando, em 2006, o governo federal decidiu ampliar a oferta de medicamentos básicos para

a população, estendendo a Farmácia Popular, que só atendia em postos de saúde ou outros locais públicos, para farmácias da rede privada. Da parceria inicial com a ePharma e sua rede conveniada nasceu o programa Aqui Tem Farmácia Popular, que aumentou substancialmente o acesso dos mais necessitados aos medicamentos, com descontos a partir de 90%. Até hoje, a ePharma é uma das principais fornecedoras do serviço para o governo, autorizando a compra de 13 milhões de unidades de medicamentos para mais de 5,3 milhões de brasileiros.

25


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 Plano de medicamentos: tão necessário quanto plano de saúde. Sua empresa precisa ter. No fim de 2012, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), publicou uma nova norma autorizando a comercialização de planos de medicamentos nos mesmos moldes dos planos de saúde. Em 2014, a ePharma tornou-se a primeira empresa do País a lançar um produto nesse segmento, o Plenus. Ele é voltado para o mercado corporativo, assim como as demais marcas de PBM, e engloba diversas vantagens tanto para as empresas clientes quanto para os usuários finais. Para o beneficiário, o Plenus proporciona descontos de 70% a 100% na compra de remédios para a imensa maioria dos tratamentos (4.463 produtos). Representa, portanto, acesso aos fármacos prescritos e segurança de saber que sua família terá os medicamentos quando eles forem necessários.

Já as empresas têm no Plenus um instrumento para proteger a saúde dos colaboradores e também um importante benefício para atrair e reter talentos. Além disso, como pagam apenas um valor fixo por participante, elas contam com total previsibilidade nas despesas.

O Plenus é mais que um plano de medicamentos. Para as empresas clientes, é uma nova ferramenta de gestão que permite monitorar melhor a saúde dos colaboradores, promover mudanças de comportamento e reduzir custos. A utilização e o nível de satisfação do usuário final são bem maiores do que nos programas baseados em desconto. Em multinacionais, principalmente as de origem americana, que já têm a cultura do PBM, a aceitação está sendo especialmente boa. Mas acredito que, aos poucos, a cultura de ver o plano de medicamentos como um produto e também como um sistema de gestão de saúde vai se difundir por aqui. Para nós, do segmento de consultoria em benefícios de saúde, isso abre um novo horizonte de atuação. Ricardo Augusto Lobão, CEO da UIB Benefícios.

26

27


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 A ePharma cuida para que os pacientes continuem se tratando com os seus medicamentos. Manter a adesão de pacientes ao tratamento de doenças crônicas é um interesse que une todas as partes do sistema de saúde. Muitas patologias não apresentam sintomas imediatos, mas, sem os devidos cuidados, provocam perdas irreversíveis a longo prazo. Trazem enormes prejuízos para a qualidade de vida da pessoa e aumentam os custos médicos. Uma das ferramentas para ampliar a adesão aos tratamentos são os programas de relacionamento com pacientes. Mantidos pela indústria farmacêutica, esses programas fornecem descontos em busca da manutenção da terapia. Desde 2002 a ePharma atua nesse segmento por meio do Follow, um conjunto de serviços que permite cadastrar os pacientes e autorizar a compra com desconto nas farmácias. Além dessa parte operacional, fornece relatórios essenciais para controlar e avaliar a eficácia do programa. A empresa está trabalhando para ampliar essa prestação de serviço e lançará o Follow 3.0 em 2015.

A rede de 21.889 pontos de venda conveniados e conectados ao sistema autorizador representa um importante diferencial competitivo da ePharma para atender esses clientes. A nova versão terá mais instrumentos de interação com os pacientes, além do cadastramento e do desconto. Incluirá, por exemplo, serviços de orientação por telefone e outros mecanismos para estimular a manutenção do tratamento.

28

Produzimos remédios de uso contínuo, receitados por médicos. Esses tratamentos costumam pesar no orçamento, e muitos pacientes acabam desistindo. Para manter a adesão, criamos programas com descontos e outras condições especiais para pacientes, que continuam no tratamento, e todos saem ganhando. Escolher o parceiro para administrar esse tipo de programa é uma decisão muito importante, porque, para o paciente, a marca que aparece é a do medicamento. Ele não sabe que existe outra empresa cuidando do programa. Escolhemos o Follow, da ePharma, porque conhecemos a qualidade do atendimento. Hoje, temos programas para cinco diferentes medicamentos.

Marcelo Pinto Guedes, gerente corporativo de negócios da Apsen Farmacêutica.

29


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 A ePharma cuida para que as operadoras atendam à RN 338 com eficiência. Nos últimos anos, houve importantes avanços no tratamento de doenças graves ou complexas, como câncer, esclerose múltipla, hepatite autoimune e artrite reumatoide. Uma das principais razões foi a evolução do segmento de medicamentos biológicos, um ramo sofisticado da ciência. São remédios muito especiais, pois exigem altos investimentos em pesquisa e desenvolvimento e envolvem componentes caros. Além disso, demandam cuidados especiais com temperatura, armazenagem, transporte, prazo de validade e forma de aplicação. Por esse conjunto de características específicas, passaram a integrar uma nova categoria de medicamentos, a Specialty Products.

plementar (ANS), que obrigou as operadoras de saúde a fornecer 37 medicamentos para o tratamento domiciliar do câncer. Entrou em vigor em janeiro de 2014. Para o futuro, são esperadas novas inclusões.

No mundo todo, eles representam um dos maiores fatores de elevação de custos na saúde. Nos EUA, por exemplo, já respondem por 25% das despesas com medicamentos, apesar de atender apenas 3,6% dos pacientes.

Conforme o caso, esses remédios podem ser aplicados em clínicas de infusão, em centros especializados ou, em caso de medicações de uso domiciliar, pelo próprio paciente, com orientação de enfermeiras e farmacêuticos especializados da ePharma.

Por sua importância vital para os portadores dessas doenças, o governo brasileiro já oferecia há algum tempo muitos desses remédios gratuitamente. Nos últimos anos, vem transferindo parte dessa responsabilidade aos planos de saúde, com a inclusão de vários deles no rol de tratamentos de cobertura obrigatória.

O ePharma Specialty Care reduz perdas na utilização dos remédios, aumenta a adesão ao tratamento, protege a saúde dos pacientes e evita internações causadas pelo agravamento da doença, diminuindo os custos dos planos de saúde.

O movimento mais recente veio com a Resolução Normativa 338, da Agência Nacional de Saúde Su-

30

O ePharma Specialty Care foi criado para ajudar governo, planos de saúde e indústria farmacêutica a administrar de forma eficiente o uso dos Specialty Products. O serviço envolve a análise da prescrição do médico, a compra dos medicamentos diretamente da indústria farmacêutica por preços especiais, a entrega do produto e o acompanhamento de sua efetiva utilização.

Em 2014, entrou em vigor a RN 338, uma nova norma da ANS exigindo que as operadoras de saúde fornecessem medicamentos de quimioterapia para tratamento domiciliar. A ePharma teve uma importância muito grande para a SulAmérica no atendimento dessa exigência. Até então, nós não tínhamos contato direto com os pacientes para questões relacionadas com o tratamento. Essa parte era atribuída a médicos, hospitais, laboratórios. Prestar atendimento aos beneficiados pela nova norma, entregando medicamentos complexos e de alto custo em todo o País, era um grande desafio. A ePharma resolveu essa necessidade e, com bons sistemas de controle e logística, ainda nos gerou economia.

Aimar Tarrufi de Paula, gerente de controle de custos e sinistro da SulAmérica Saúde.

31


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 A ePharma cuida para simplificar o acesso e a adesão dos pacientes aos tratamentos de alta complexidade. Em 2014, a ePharma incorporou a empresa In Health como uma nova área de negócios. A In Health presta serviço a indústrias farmacêuticas na gestão de programas de pacientes, que promovem o tratamento de doenças raras com remédios de alta complexidade. Os clientes são empresas que investem em tecnologia de ponta, principalmente no campo da biologia molecular, e desenvolvem medicamentos revolucionários capazes de deter doenças altamente incapacitantes, como esclerose múltipla, artrite reumatoide e outras patologias autoimunes, além de tratamentos oncológicos. No Brasil, o sistema público de saúde assume os custos desses tratamentos, mas exige uma série de procedimentos para comprovar o diagnóstico e acompanhar a correta aplicação dos medicamentos. O papel da In Health consiste em prover todos

os serviços necessários para atender às exigências do governo e garantir o acesso e a adesão dos pacientes ao tratamento. O trabalho pode começar ainda na fase de diagnóstico, quando o doente é orientado a procurar o programa de auxílio ao paciente. Nesse momento, recebe todas as informações necessárias para realizar o tratamento, incluindo ajuda com os aspectos burocráticos. Em seguida, a In Health garante a entrega do medicamento na casa da pessoa ou sua disponibilidade em clínicas de infusão conveniadas. Essa tarefa exige cuidados especiais de logística, considerando o alto custo e os estreitos limites de temperatura e prazo de validade dos remédios biológicos. Dependendo do caso, também envia farmacêutico a domicílio para aplicação do produto. Depois de garantir o acesso, a In Health cuida dos aspectos necessários para a manutenção do tratamento, que incluem o monitoramento do paciente e a elaboração de relatórios de controle para a indústria, o governo e o médico responsável. Para realizar todas essas tarefas, a área conta com uma equipe multidisciplinar, com médicos, farmacêuticos e profissionais para atendimento remoto (contact center). As companhias AbbVie, Alexion, Bayer, Biogen, BioMarin, Bristol-Myers Squibb e Roche, são alguns dos clientes da In Health.

32

Vários serviços da ePharma exigem a entrega de medicamentos de alto custo em prazos muito específicos e dentro de condições apropriadas de temperatura e transporte. Alguns também necessitam de acompanhamento farmacêutico especial. Para assegurar essas condições, a empresa conta com a Flex Medicamentos Especiais, um braço estratégico de varejo especializado em produtos de alta complexidade. A área gera diversas sinergias com os demais negócios. O forte relacionamento da ePharma com a indústria farmacêutica permite obter descontos especiais nos medicamentos. A Flex também fortalece os negócios baseados em tratamentos de alta complexidade – ePharma Specialty Care e, desde 2014, In Health – , que têm na entrega em domicílio e no suporte ao paciente um de seus pontos fortes, e se beneficia deles.

33


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 A ePharma cuida para que a sua saúde receba cada vez mais atenção. Uma das maneiras de ajudar as pessoas a melhorar suas condições de saúde é facilitar o acesso a informações e orientações sobre hábitos saudáveis, doenças e tratamentos. O ePharma Concierge presta esse serviço por telefone, contando com uma equipe de médicos, psicólogos, nutricionistas, enfermeiros e farmacêuticos. O produto é voltado para o mercado corporativo, modelado na forma de um benefício que as empresas concedem para seus colaboradores ou clientes. O usuário final pode obter desde informações comuns sobre doenças até orientação sobre tratamentos. Além disso, conta com descontos na compra de medicamentos nas farmácias conveniadas.

O serviço incentiva a prevenção de doenças e contribui para a adesão aos tratamentos, estimulando as pessoas a cuidar mais da própria saúde e proporcionando ganhos de imagem e satisfação para a empresa contratante.

Tanto eu como uma colega de trabalho utilizamos o aconselhamento do Concierge da Saúde, e isso foi muito bom. Eu precisava de orientações sobre nutrição, porque estava sem apetite e não conseguia comer nada. Me orientaram sobre o que fazer, e foi muito importante. Já a minha colega buscou aconselhamento em psicologia. Ela explicou os problemas e recebeu informações sobre que tratamento procurar. Além disso, o psicólogo da ePharma ligou de volta para saber como ela estava. Fico muito satisfeita em trabalhar em uma empresa que põe um serviço assim à disposição da gente. Suzamara dos Santos, representante comercial da empresa de educação financeira Dinastia.

34

35


Nosso Portfólio

Nosso Portfólio

4

4 A ePharma cuida para diminuir os riscos à saúde dos seus colaboradores. Um dos maiores desafios da medicina é engajar as pessoas na prevenção das doenças. Além de prolongar a saúde, essa mudança reduz o custo dos tratamentos. Implementar esse princípio em grande escala é o papel do sistema de Gestão de Risco em Saúde (GRS), uma solução completa de gerenciamento da saúde voltada para operadoras de saúde, empresas, governo e outras instituições. O serviço faz o monitoramento da população coberta em relação a diversos aspectos da saúde. O objetivo é promover hábitos saudáveis, identificar riscos e estimular o diagnóstico e o tratamento das doenças, sobretudos as crônicas, que costumam agir em silêncio por um bom tempo e aparecem já em estágio avançado. Médicos, psicólogos, nutricionistas, farmacêuticos e enfermeiros atuam em conjunto para minimizar os fatores de risco e promover bons hábitos, em ações no local e também por atendimento virtual. Campanhas e suporte para combater sedentarismo, má alimentação, estresse e tabagismo são alguns dos instrumentos utilizados, assim como vacinação e orientação em relação ao uso de medicamentos.

O programa é realizado em torno de metas e indicadores pré-estabelecidos, o que permite avaliar constantemente os resultados. O retorno do investimento ocorre na forma de diminuição do custo global para as operadoras de saúde e no aumento da produtividade, disposição para o trabalho e redução de despesas médicas para as empresas contratantes.

36

Minha vida é uma luta contra a insuficiência renal. Meu plano de saúde, a Promédica, me oferece há alguns anos um acompanhamento especial por profissionais da ePharma. Eles entram em contato comigo uma ou duas vezes por mês para saber da evolução do meu quadro e me dar orientações. A frequência dos contatos varia conforme o tratamento. Recentemente, fiz transplante de rim, e o acompanhamento ficou ainda mais próximo. Muitas das coisas que eu aprendo com eles acabo transmitindo a outros pacientes. José Vasconcelos de Freitas, beneficiário do GRS-ePharma e presidente da e presidente da Renal Bahia – Associação Defesa dos Pacientes Crônicos Renais da Bahia.

37


5 Nossas Forças Da esquerda para direita: Ana Cristina Guerreiro, Carlos Pappini Jr, Priscila Doreto, Henrique Marin e JÊssica Dias 38

39


Nossas Forças

Nossas Forças

5

5

Os pilares do nosso negócio

Tecnologia da informação: flexível e confiável

Rede credenciada: abrangência e vitalidade

Parceria com a indústria farmacêutica: vantagens para os clientes

Cultura organizacional: diferentes talentos e um objetivo comum

O bom resultado da prestação de serviço da ePharma depende de um conjunto de fatores. Mas quatro deles se destacam como as principais forças específicas da empresa: a tecnologia, a rede credenciada de farmácias, clínicas e laboratórios, a parceria com a indústria farmacêutica e uma cultura organizacional única, que reúne diferentes talentos e competências em torno do mesmo objetivo. O conjunto dessas forças sustenta o diferencial competitivo que mantém a ePharma na liderança de mercado em seu segmento de atuação.

40

41


Nossas Forças

Nossas Forças

5

5 Tecnologia da informação: flexível e confiável Os sistemas desenvolvidos pela ePharma interligam todos os participantes dos programas de medicamentos: empresas que fornecem esse benefício a seus funcionários, farmácias, operadoras de saúde, indústria farmacêutica e usuário final. A tecnologia desenvolvida pela empresa apresenta três atributos principais:

• Flexibilidade: Os sistemas da ePharma permitem adaptar os planos de benefício às necessidades de cada empresa cliente. Elas podem definir inúmeras regras de elegibilidade, isto é, que tratamentos serão cobertos, para quais níveis hierárquicos, com qual nível de benefício.

• Disponibilidade: Toda vez que o beneficiário de um programa administrado pela ePharma vai comprar um medicamento, a transação tem de ser autorizada pela central de tecnologia da empresa. O sistema precisa, portanto, manter-se em operação o tempo todo, 24 horas por dia, 7 dias por semana. Em 2014, mais uma vez a taxa de disponibilidade da central de autorização da ePharma se manteve acima de 99,9%. Na prática, esteve disponível o ano inteiro, sem interrupção, levando no máximo 3 segundos para responder a um pedido de autorização de compra nas farmácias.

• Segurança: A ePharma lida com informação altamente confidencial: o uso de medicamentos por parte dos beneficiários dos planos que administra. Por isso, mantém rigorosos protocolos de segurança que impedem o acesso aos dados dos usuários. Os servidores são administrados pela Terremark, subsidiária da Verizon, uma das empresas de armazenamento e transmissão de dados mais confiáveis do mundo, com sede em Miami. Dentro da ePharma, as informações também são alvo de um controle que impossibilita o acesso a dados individuais.

42

Rede credenciada: abrangência e vitalidade

Em um país com as dimensões do Brasil, um dos maiores desafios para programas de acesso a medicamentos é estar presente em farmácias próximas do usuário final. Por isso, a ePharma sempre dedicou muita atenção para a construção da sua rede conveniada. Atualmente, ela é composta de 21.899 farmácias e 118 unidades de entrega (delivery) em 2.581 municípios do País. Embora o tamanho seja mais do que suficiente para atender os beneficiários atuais, a rede cresceu cerca de 10% em 2014, o que reflete sua vitalidade e as expectativas de expansão da empresa.

Parceria com a indústria farmacêutica: vantagens para os clientes Os principais programas de benefícios administrados pela ePharma envolvem a compra de medicamentos. Por isso, a empresa mantém parceria com as principais indústrias farmacêuticas para obter preços e condições especiais de compra a seus clientes. Esse relacionamento tem também outra função muito importante: estabelecer a relação de medicamentos cobertos pelo benefício por meio do chamado Formulário Referencial ePharma. Trata-se de um complexo sistema que garante a adequação das prescrições em termos de qualidade e custo-benefício.

Cultura organizacional: diferentes talentos e um objetivo comum

Para integrar indústria farmacêutica, farmácias, empregadores, governo, médicos e pacientes em torno da ampliação do acesso aos tratamentos, são necessárias diferentes competências. Da capacidade de negociar com clientes aos conhecimentos da medicina, do cálculo atuarial das despesas com medicamentos à sensibilidade para orientar os pacientes, do marketing para criar campanhas de promoção da saúde à tecnologia para autorizar compras on-line. Como pioneira e líder no segmento de PBM, coube à ePharma o desafio de integrar um leque tão diverso de talentos e competências sob uma mesma cultura empresarial. O resultado é um capital intelectual único no Brasil, capaz de cuidar de pessoas ao mesmo tempo que elimina desperdícios e promove eficiências na gestão dos benefícios. Um diferencial construído ao longo de 15 anos e que fica ainda mais forte com o passar do tempo.

43


Nossas Forรงas

Nossas Forรงas

5

5 Alguns clientes

Alguns parceiros da rede credenciada

Formulรกrio referencial ePharma

44

45


Nossas Forças

Nossas Forças

5

5

A gestão dos nossos 329 talentos Em uma empresa de prestação de serviços com foco em inovação como a ePharma, o que faz a diferença são as pessoas. Selecionar, desenvolver e proporcionar desafios e perspectivas de crescimento profissional para os colaboradores é um dos trabalhos mais importantes para o desempenho atual e para a preparação do futuro da companhia. Nesse sentido, 2014 foi um ano especialmente desafiador. Com a incorporação da In Health, o lançamento do Plenus e a evolução natural dos demais produtos, o time aumentou de 191 para 329 colaboradores. A ePharma conta com uma equipe multidisciplinar que inclui profissionais das áreas de tecnologia, gestão e saúde – esta última composta de médicos, enfermeiros, nutricionistas e farmacêuticos, que analisam as características de cada cliente para poder orientá-lo de acordo com suas necessidades específicas.

A empresa valoriza pessoas com perfil proativo, espírito de liderança, formação profissional e vocação para servir nossos clientes.

46

Em 2014, diversas ações foram adotadas para fortalecer as equipes e ajudar os colaboradores a exercer o seu potencial. Os 26 coordenadores e gerentes participaram de um programa de desenvolvimento de liderança realizado em parceria com uma consultoria especializada. A empresa desenvolveu também uma ferramenta de e-learning para o treinamento de colaboradores dos mais variados níveis hierárquicos, aproveitando as vantagens dessa nova forma de aprendizado. Ainda no campo da formação profissional, para quem ocupa cargo de gestão, a ePharma tem um programa de estímulo à pós-graduação em cursos relacionados com sua atividade na companhia. O benefício corresponde a um subsídio de 70% do valor do curso. Os demais benefícios concedidos aos colaboradores são compatíveis com o segmento de atuação da ePharma. O pacote inclui cobertura de plano de saúde e plano odontológico, vale-refeição, valealimentação, seguro de vida e subsídio de 50% nos medicamentos prescritos. Funcionários com filhos recebem auxílio-creche de meio salário mínimo para crianças com até 6 anos.

Perfil da equipe

26 ANOS É A FAIXA ETÁRIA

75% SÃO MULHERES

47% TEM FORMAÇÃO

30% ESTÃO FAZENDO

PREDOMINANTE

SUPERIOR

FACULDADE

6% TEM PÓS-GRADUAÇÃO Evolução do número de colaboradores Ano

2009

2010 129

2011 189

2012

124

2013 145

2014 191

329

Pesquisa de clima aponta 98% de satisfação Para identificar o grau de satisfação dos colaboradores, em 2014 a ePharma realizou uma pesquisa de clima que apresentou resultados bastante favoráveis. A pesquisa contou com a participação de 82% dos colaboradores e, entre os principais resultados, constatou que 98% deles consideram a ePharma um bom lugar para trabalhar.

47


6 Governanรงa Corporativa 48

49


Governança Corporativa

Governança Corporativa

6

6

Governança com regras claras e conhecidas por todos Em 2014, a ePharma consolidou sua nova estrutura de governança corporativa, que foi amplamente divulgada interna e externamente. A mudança, formulada um ano antes, acompanhou a alteração do perfil societário da companhia, com a entrada de fundos de investimento norteamericanos no negócio.

net, com especial interesse pelas que atuam no segmento da saúde. Sua contribuição, portanto, abrange tanto conhecimento de governança quanto de aspectos técnicos do negócio.

Ao adquirir 45% do capital da empresa, o consórcio formado pelos fundos de investimentos Valiant Capital Management e Aberdare Ventures passou

Além dos procedimentos que já eram rigorosamente seguidos, a ePharma adotou novas práticas para atender a vários pontos da legislação americana. A gestão tornou-se ainda mais profissional, com o aperfeiçoamento dos processos de planejamento e controle e o fortalecimento dos mecanismos de governança. Outro passo importante foi a adoção de um sistema de gestão de risco. Todas essas mudanças foram realizadas com o apoio de uma consultoria externa.

A gestão tornou-se ainda mais profissional, com o aperfeiçoamento dos processos de planejamento e controle e o fortalecimento dos mecanismos de governança. a ter um representante no Conselho de Administração. Essa participação trouxe grandes benefícios para a ePharma. Com sede em São Francisco, no estado da Califórnia, os fundos investem principalmente em empresas de tecnologia e inter-

50

Os princípios básicos que regem a empresa desde o início permanecem inalterados. A ePharma sempre se pautou pelos valores da ética, da legalidade e da transparência. Para manter a perenidade do negócio, empenha-se na criação de valor para os investidores. A companhia respeita o princípio de igualdade de tratamento entre os sócios e assegura a transparência e o rigor nos demonstrativos econômico-financeiros, que passam todo ano por auditoria externa.

Estrutura de governança corporativa Conselho de Administração – responsável pela estratégia de longo prazo e pela formulação da política de negócios, toma as decisões de maneira colegiada. Entre suas atribuições estatutárias, destaca-se a designação dos diretores e o acompanhamento e supervisão da gestão. Em 31 de dezembro de 2014, o conselho era formado por cinco membros representantes dos sócios.

Formação do Conselho de Governança Deusmar Queirós, presidente Luiz Carlos Silveira Monteiro, conselheiro Roberto Faria, conselheiro Modesto Araujo, conselheiro Eduardo Marques, conselheiro

Deusmar Queirós – fundador e CEO do Grupo Pague Menos, criado há quase 30 anos. A companhia constitui a maior rede de farmácias do Brasil em termos de receita e número de lojas. É bacharel em Economia pela Universidade Federal do Ceará (1973) e pósgraduado pela Graduate School Of Business Administration, de Nova York. Iniciou a carreira na IBM e atuou no mercado financeiro em 1971, quando trabalhou na Credimus Distribuidora de Valores. Foi professor e coordenador na Universidade de Fortaleza.

Roberto Faria – fundador e CEO da Distrifar, empresa de distribuição farmacêutica. Foi sócio-proprietário e diretor executivo da Drogasmil até a sua venda, em 2009, depois de atuar como sócio-proprietário da Distribuidora Faria e Intermed durante 18 anos. É formado em Tecnologia da Informação pela PUC-RJ e possui MBA em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Modesto Araujo – fundador e CEO da Drogaria Araujo, a maior rede de farmácias de Minas Gerais em receita e número de lojas, com quase 100 pontos de venda. Formado em Administração de Empresas pela Fumec (MG), cursou MBA na UNA (MG).

Eduardo Marques – um dos sócios-fundadores do Valiant Partners, fundo de investimentos norte-americano, criado em 2008. Anteriormente, atuou como analista financeiro para o 3G Capital durante cinco anos. Economista formado pela PUC-RJ, é mestre em Finanças pela London School of Economics.

51


Governança Corporativa

Governança Corporativa

6

6 Regulamentos e controles

Composição acionária

Código de Ética e Conduta – Amplamente divulgado em 2014, é o principal documento de orientação interna da ePharma. Apresenta as diretrizes e os procedimentos que devem ser observados por todos os colaboradores, corpo executivo e acionistas. As normas do código regulam as relações e a execução das atividades com clientes, fornecedores, autoridades e usuários dos serviços da empresa. Elaborado sob uma abordagem preventiva e orientadora, o documento alerta para as questões que demandam cuidados em relação aos princípios socialmente aceitos, aos valores da companhia e à legislação vigente. Comitê de Ética – o órgão colegiado foi instituído para difundir as normas e receber reclamações ou denúncias. É integrado por dois diretores, dois gerentes e um colaborador da equipe operacional. Todas as informações são tratadas com confidencialidade, e há compromisso específico com a integridade do autor da comunicação. As denúncias, identificadas ou anônimas, têm dois canais de acesso ao Comitê de Ética: pela intranet e por um endereço exclusivo de e-mail. Políticas e Procedimentos Anticorrupção e Antilavagem de Dinheiro – o documento foi elaborado no fim de 2013, antes da entrada em vigor da Lei Anticorrupção, e buscou aumentar ainda mais o controle sobre essas práticas nas operações da empresa. A nova legislação prevê a responsabilização das empresas nas esferas administrativa e civil e se estende a diretores, conselheiros, colaboradores, parceiros comerciais e consultores. A medida também atende à exigência do novo sócio-investidor, cujas atividades se submetem à lei federal americana Foreign Corrupt Practices Act (FCPA), inspiradora da lei brasileira. Além dos instrumentos de compliance já implantados, as medidas incluíram a criação de um Conselho de Colaboradores e um programa de capacitação para todos os públicos envolvidos.

Relações institucionais A ePharma está engajada no desenvolvimento dos setores em que atua e trabalha ativamente para aprimorar as práticas de mercado, tendo em vista o bem-estar da sociedade. Por meio de seus dirigentes, mantém relações frequentes e transparentes com representantes de órgãos regulatórios e contribui para a construção e o aprimoramento de políticas públicas em saúde. A empresa faz parte do quadro da Associação Brasileira das Empresas Operadoras de PBM (PBMA), da Aliança para a Saúde Populacional (Asap). O presidente da ePharma, Dr. Luiz Carlos Silveira Monteiro, é o atual presidente da PBMA.

54

10% Luiz Carlos Silveira Monteiro

10% Roberto Faria

1,6% 7,2%

Outros

Drogaria Araujo

26,2% Dupar Participações S.A.

45% Donec I Fundo de Investimento em Participações

55


7 Responsabilidade Social e Ambiental 56

57


Responsabilidade Social e Ambiental

Responsabilidade Social e Ambiental

7

7

Ações para ajudar a construir um País melhor Além de sua atuação empresarial, a ePharma investe em projetos sociais e de sustentabilidade para contribuir para a construção de um mundo melhor. Esse compromisso contou com quatro ações principais em 2014: uma delas interna, de redução do impacto ambiental de suas atividades, e três participações em projetos de instituições voltadas à promoção da saúde.

Projeto ECOA: a caminho da ISO 14.001 No mundo moderno, nada mais natural do que exigir que as empresas desempenhem suas atividades com o menor impacto ambiental possível. Para uma companhia do segmento da saúde, essa responsabilidade é ainda mais importante. Demonstrar o compromisso com práticas sustentáveis foi o principal motivo da decisão da ePharma de se preparar, em 2014, para a obtenção da ISO 14.001. A certificação que atesta o cuidado da empresa com o meio ambiente exige o cumprimento de uma série de normas nos processos de trabalho, da utilização dos recursos materiais ao descarte do lixo. Um projeto específico, batizado com o nome de ECOA, estudou as exigências e estabeleceu as novas práticas que serão adotadas em cada processo de trabalho. Além disso, preparou os instrumentos para comunicar as mudanças aos colaboradores. O objetivo não se limita ao ambiente profissional, mas busca influenciar também o comportamento das pessoas fora da empresa, em sua casa e na família. O cronograma prevê a obtenção da ISO 14.001 já em 2015. Mas o projeto ECOA permanecerá ativo depois dessa conquista, identificando e difundindo boas práticas ambientais dentro da companhia.

Algumas metas para 2015 Implementar a coleta seletiva em 100% do lixo

Reduzir o consumo de papel sulfite (20%), papel toalha (80%) e copo plástico (20%)

Atingir 100% da equipe com campanhas de conscientização

58

59


Responsabilidade Social e Ambiental

Responsabilidade Social e Ambiental

7

7 Expedição da Saúde aos índios do Xingu Ao completar 15 anos, em 2014, a ePharma resolveu contar a sua própria trajetória e a história de outras 14 instituições dedicadas à saúde. O trabalho resultou no livro comemorativo O Melhor Remédio para a Saúde no Brasil, um presente exclusivo para parceiros da empresa. Um dos projetos retratados foi a iniciativa da organização sem fins lucrativos Expedicionários da Saúde (EDS), que leva a medicina a índios da selva amazônica. Pela importância do projeto, a ePharma decidiu apoiá-lo, primeiro, com ajuda financeira para uma expedição ao Xingu, retratada no livro, e depois com recursos para a contratação de um enfermeiro responsável pela logística das expedições. O EDS realiza esse trabalho há 11 anos, com apoio logístico de órgãos oficiais e ajuda financeira de empresas que se sensibilizam com a causa. De duas a três vezes ao ano, a organização monta uma complexa estrutura em um local diferente para atender as tribos da região. A do Xingu foi a 28ª expedição do grupo. Três meses antes da chegada das equipes médicas, cerca de 12 toneladas de materiais e equipamentos foram transportados até o ponto escolhido por aviões, caminhões e barcos. Com a ajuda dos índios, a equipe de montagem ergueu o hospital de lona e as demais instalações. Quando estava tudo pronto, mais de 50 profissionais de saúde, entre médicos, cirurgiões, dentistas, enfermeiros e assistentes, chegaram ao local para prestar o atendimento aos índios. Permaneceram ali por uma semana. Nesse período, realizaram 2 mil consultas, centenas de exames, 147 cirurgias gerais e oftalmológicas e 196 cirurgias odontológicas.

“O apoio da ePharma desde a expedição do Xingu vem sendo de extrema importância para esse projeto”, diz Marcia Abdala, Coordenadora Geral do EDS. “A maior parte do trabalho é realizada por profissionais voluntários, mas, para preparar a expedição, precisamos contar com um enfermeiro especializado em logística. Graças à ePharma, pudemos contratar esse profissional.”

60

61


Responsabilidade Social e Ambiental

Responsabilidade Social e Ambiental

7

7 Fundação Amor Horizontal: estímulo à solidariedade Facilitar doações a entidades que cuidam de crianças carentes e acompanhar a utilização desses recursos. Essa é a missão da Fundação Amor Horizontal, constituída em 2013 pela empresária Caroline Celico. Com o apoio da ePharma, a instituição inaugurou seu primeiro projeto: uma plataforma on-line que permite a qualquer pessoa escolher uma entidade cadastrada e fazer doações a partir de R$ 10. Os valores são utilizados na compra de produtos necessários para o trabalho da instituição. O segmento da saúde infantil é um dos principais focos do trabalho.

A Fundação Amor Horizontal tem o compromisso de registrar com fotos a entrega das doações e prestar contas aos doadores por meio de newsletters digitais, pelo site e por redes sociais.

Um teto para meu país: casa e saúde aos mais pobres Pelo terceiro ano consecutivo, a ePharma contribuiu para o trabalho da ONG Um teto para meu País. Formada por jovens, a organização constrói moradias em regime de mutirão para famílias em extrema pobreza que vivem em áreas de risco. Em 2014 a empresa forneceu material para a construção de duas unidades habitacionais.

Além de um abrigo, as famílias atendidas passam a ter acesso a infraestrutura e serviços públicos essenciais para uma vida em condições adequadas, principalmente em relação à saúde. Outro ponto valioso desse projeto é envolver os jovens em causas sociais e voluntariado. São eles que vão aos locais, formam os mutirões e trabalham na construção das casas.

62

63


8 Futuro Futuro 64

65


Futuro

Futuro

8

8

Pronta para o futuro Os avanços e a modernização do sistema de saúde brasileiro como um todo, e do segmento de medicamentos em particular, indicam uma perspectiva de futuro bastante positiva para os negócios da ePharma, empresa-líder em soluções inovadoras de PBM. Cada vez mais, o tratamento dos pacientes depende do bom funcionamento de uma cadeia que envolve médicos, farmácias, indústrias de remédios, governo, planos de saúde e empresas que financiam os gastos e se beneficiam da saúde de seus colaboradores. Diante desse cenário, o papel da ePharma, de integrar todos esses elos, ganha uma importância especial. A integração gera a sinergia necessária para o sucesso do tratamento e também para a racionalização dos gastos, ajudando a controlar a inflação das despesas médicas, que nos últimos anos tem sido sempre superior à inflação dos demais segmentos econômicos. Outro fator que favorece a ePharma é o movimento do governo de transferir para as operadoras de saúde a responsabilidade pelos tratamentos dos pacientes, sobretudo nos casos que exigem medicamentos complexos e de alta tecnologia. Como se observou em 2014 com a entrada em vigor da RN 338, essa migração fortalece a parceria da empresa com os planos de saúde e a indústria farmacêutica, beneficiando as divisões Specialty Care, In Health e Flex. Novos remédios, inclusão de tratamentos na cobertura obrigatória e o consequente aumento das des-

66

pesas médicas criam também condições propícias para os planos de medicamentos. Com o Plenus, a ePharma está pronta para atender a essa nova demanda de mercado.

Para ter um impacto ainda maior no controle dos gastos, é preciso cuidar das pessoas antes que elas se tornem pacientes. Focar na prevenção e na mudança de hábitos. Essa sem dúvida é outra tendência importante do segmento da saúde, para a qual a ePharma também está preparada, por meio do portfólio clínico que inclui o GRS e o Concierge. Inovar em tecnologias e serviços, integrar os elos da cadeia do tratamento e cuidar de pessoas. É com essas bandeiras que a ePharma constrói o futuro.

67


9 Resultados Financeiros 68

69


Resultados Financeiros

Resultados Financeiros

9

9

Desempenho econômico-financeiro

Receita ePharma

(em R$ mil)

CAGR: 28%

57.495

36.844

33.017 25.257 16.878

Em 2014, apesar da redução da atividade econômica do País por conta da Copa do Mundo de Futebol, das eleições e do ambiente macroeconômico, a ePharma obteve importantes resultados. Um dos principais foi o crescimento de 125% da receita, que passou de R$ 48,9 milhões em 2013 para R$ 110,3 milhões.

2010

2011

2012

Receita In Health

O resultado operacional e o lucro da ePharma também tiveram crescimento expressivo, apesar do ambiente desafiador. O Ebitda atingiu R$ 9,6 milhões, um aumento de 14% em relação ao ano anterior, e o lucro líquido alcançou R$ 5,9 milhões (+11%). O desempenho de 2014 reforça uma trajetória de crescimento sólido, fruto de uma gestão com visão de longo prazo voltada para a sustentabilidade dos negócios, que mantém a ePharma na liderança de seu segmento. Essa gestão mostra que a empresa está bem preparada para superar momentos de adversidade no ambiente macroeconômico e aproveitar as imensas oportunidades de crescimento do segmento de PBM no País.

7.801

4.217

2013

110.325

(em R$ mil)

48.110 48.118

(em R$ mil)

CAGR: 210%

CAGR: 45%

12.243

48.978

17.045

2010 70

26.012

36.419 167

2011

2012

2014

Receita Flex

Receita consolidada

2014

CAGR: 36%

(em R$ mil) Parte expressiva desse avanço se deve à linha de negócios Flex, que teve seu desempenho impulsionado pela entrada em vigor da Resolução Normativa 338, da ANS, e pela incorporação da In Health ao grupo ePharma. A receita da Flex cresceu 394%, de R$ 12,2 milhões para R$ 48,1 milhões. Outro fator importante foi o crescimento do sistema de pré-pagamento na oferta de PBM da empresa. Nesse modelo, a ePharma recebe antecipadamente os valores mensais dos clientes corporativos e fica encarregada de pagar posteriormente à rede credenciada os medicamentos comprados pelos beneficiários dos planos.

2013

2013

2014

2010

755

2011

3.475

2012

2013

2014 71


Resultados Financeiros

Resultados Financeiros

9

9 Participação na receita por segmento ePharma

CAGR: 225%

50,6%

In Health

2.185

6,8%

982

6

Flex

42,6%

2010

EBITDA consolidado

-327

-139

2011

2012

2013

CAGR: 22%

(em R$ mil)

2014

CAGR: 12%

9.627 9.415

93

8.443

76

4.605 3.608

2013 2010

2011

2012

2013

2014

2014 Sumário consolidado

2014

2013

Acréscimo/decréscimo

Receita bruta

110.325

48.978

125%

EBITDA

9.627

8.443

14%

Lucro líquido

5.939

5.359

11%

Lucro líquido por ação

2,65

2,49

7%

Caixa de títulos e valores mobiliários

15.217

16.198

-6%

Ativo circulante

55.015

29.607

86%

Total do ativo

70.530

41.289

71%

PL

23.865

20.747

15%

Demonstração do resultado

Resultado por segmento (em R$ mil)

Balanço Patrimonial CAGR: 22% 5.340

2.233

2010

72

5.359

5.939

Highlights

2.591

2011

2012

2013

2014

Volume consignado

369.034

225.890

63%

Volume de transações

14.126

17.384

-19%

Volume de vendas autorizadas

1.037.291

1.168.451

-11%

Unidades de medicamentos autorizados

26.600

28.780

-8%

Vidas (mil)

27.847

31.305

-11%

73


2014

Relatório Anual Informações corporativas

Créditos

Sede ePharma/PBMs do Brasil S.A. Av. Mamoré, 989 – 9º andar – Alphaville CEP: 06454-040 – Barueri – SP www.epharma.com.br

Criação e coordenação Concêntrica – Comunicação e Conteúdo

Contatos Luiz Carlos Silveira Monteiro Presidente

Edição Paulo de Jesus e Dida Dourado

Marcos Inocencio Diretor financeiro Carlos Pappini Jr. Diretor de marketing e da unidade de negócios In Health. Marcos Brêda Diretor de negócios Pedro Oliveira Diretor de saúde Auditores independentes Ernst & Young Auditores Independentes S/S 74

Redação Demetrius Paparounis

Revisão Adriana Duarte Projeto gráfico Bruno Kunikata


Anuário 2014