Page 1

Tatuapé, Mooca e região

Edição Digital 002 - Ano X | de 21 a 27 de abril de 2017 | distribuição gratuita para pessoas modernas Divulgação

O Assalto Em O Assalto, Vitor, funcionário número 5.923.800 de um banco, volta à sua sala, depois do expediente, com o objetivo de encontrar Hugo, um faxineiro responsável pela limpeza do ambiente. O encontro entre esses dois personagens, próximos na insignificância, frente à corporação para a qual trabalham, mas diferentes no extrato social em que cada um ocupa, acaba por produzir uma relação que oscila entre a repulsa e a atração, plena de contradições. A tensão gerada por essa relação mantém o espectador atento do começo ao fim do espetáculo. O Assalto é uma daqueles textos que acabam se mostrando muito à frente do seu tempo, capaz de dialogar com muita profundidade com as inquietações e sensibilidade da sociedade contemporânea,

Primeiro Panelas do Bem Festival Gastronômico É tempo de festa, muita comida boa e de solidariedade. Venha se divertir no “Panelas do bem - Festival Gastronômico”, evento beneficente da Associação Amigos do Mirante Jardim São Paulo, com produção da Atitude G3 Produções e Eventos. Você come bem e faz o bem, ajudando a Associação Amigos do Mirante Jardim São Paulo, por meio da doação de agasalhos (novos ou usados – em bom estado) que vão tornar o inverno dos menos favorecidos mais confortável , além de contribuir as obras assistenciais da entida. Divulgação

Será nos dias 20, 21, 22 e 23 de abril, na praça da Estação do Metrô Jardim São Paulo/ Ayrton Senna (entrada pela Avenida Leôncio de Magalhães). Haverá espetáculos de dança e música da melhor qualidade. O “Panelas do Bem - Festival Gastronômico” é uma volta ao mundo de sabores. Reunimos em um só lugar os melhores hambúrgueres artesanais, comida mexicana, australiana, espanhola, japonesa, árabe, italiana, francesa e brasileira. A entrada no “Panelas do Bem - Festival Gastronômico” é gratuita, bem como todas as atrações musicais e artísticas, sendo cobrado apenas o que for consumido. Horários: 20/04/2017 (5ª feira) - entre 12h00 e 22h00 21/04/2017 (6ª feira) - entre 12h00 e 22h00 22/04/2017 (sábado) - entre 12h00 e 22h00 23/04/2017 (domingo) - entre 12h00 e 22h00 Serviço: Primeiro “Panelas do Bem - Festival Gastronômico” Onde: Estação Metro Jardim São Paulo/Aryton Senna com entrada pela Avenida Leôncio de Magalhães - Zona Norte Entrada Franca Fonte: www.oquefazeremsaopaulo.com.br

tão carente de sentido e de utopias. Com uma direção centrada no jogo dos atores, Gustavo Trestini intensifica a violência e a compaixão, propostas pelo autor, revelando a humanidade desses personagens a partir de suas contradições. O espetáculo oferece também uma reflexão sobre nossa condição de cidadãos em relação com a impiedosa estrutura de uma metrópole como São Paulo, carente de vínculos de afeto e vitrine do onipotente e corruptor poder financeiro. SERVIÇO: Espaço Cia. da Revista - Al. Nothmann, 1.135 - Santa Cecília Até 27/04 (terça, quarta e quinta 21h). Ingressos: R$ 30,00 Tel.: 3791-5200

Pró-Sangue convoca população para reforçar doação Estoque da Fundação está 35% abaixo do patamar desejado Nem chegou o inverno e a PróSangue já está assistindo a uma queda acentuada da coleta. O estoque da Fundação está 35% abaixo do patamar desejado. O prognóstico é que o mês de abril feche com cerca de 9.300 doações, sendo que a meta mensal é 12.000 bolsas de sangue. De acordo com a posição do estoque atual, alguns tipos encontram-se em situação bem delicada. O sangue O+ está em emergência, sendo que os tipos O-, B- e A+ estão críticos. Até o sangue A+, que é de maior prevalência na população brasileira, está no patamar de alerta, ou seja, em condições de abastecer os hospitais por três dias. Para que o sangue não venha a faltar para quem precisa, a Pró-Sangue convoca as pessoas a virem doar. Por conta do final de semana prolongado que inclui o feriado de Tiradentes, a rotina dos postos da Fundação terá um funcionamento diferenciado. 21 de abril, sexta-feira Posto Clínicas: das 8 às 17 horas Posto Barueri: fechado

Posto Dante Pazzanese: fechado Posto Mandaqui: fechado Posto de Osasco: fechado 22 de abril, sábado Posto Clínicas: das 8 às 17 horas Posto Barueri: fechado Posto Dante Pazzanese: das 8 às 16 horas Posto Mandaqui: fechado Posto de Osasco: das 8 às 16 horas 24 de abril, domingo Posto Clínicas: fechado Posto Barueri: fechado Posto Dante Pazzanese: fechado Posto Mandaqui: fechado Posto de Osasco: fechado O posto Clínicas fica na Av. Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 155, 1º andar, a 200 metros da estação Clínicas do Metrô. A unidade atende das 7 às 18 horas de segunda a sexta; das 8 às 17 horas nos sábados, feriados e pontes; e das 8 às 13 horas, nos 1º e 3º domingos de cada mês. Só lembrando que aos sábados o atendimento está limitado a 380 candidatos. Ao atingir esse número, o cadastro fecha.


02

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO


03

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

feriado

bairro

10 dicas para viajar seguro Divulgação

Com os feriados nacionais prolongados, os viajantes de plantão já estão a todo vapor com o planejamento de suas férias e escapadas. Ao programar o merecido descanso com a família, amigos ou até mesmo a dois, é necessário ter atenção aos detalhes para que o passeio seja agradável e evitar contratempos. 1. Faça um planejamento Organização é imprescindível para uma viagem tranquila. Prepare um cronograma completo com toda a logística, desde o trajeto ao aeroporto até o retorno para a casa. Analise os destinos e pesquise sobre costumes, cultura, gastronomia e segurança local para evitar "saias justas”. 2. Confirme suas reservas Antes de reservar a hospedagem, observe características como a localização do hotel, as facilidades e segurança do entorno. Caso não tenha fechado diretamente com o estabelecimento, entre em contato para confirmar a sua reserva, o que também é válido para os passeios e excursões. 3. Verifique os documentos Países do Mercosul liberam a entrada de brasileiros apenas com o RG – mas a data de emissão não pode ultrapassar dez anos. Para outros países é necessário ter o passaporte válido. Verifique ainda a necessidade de vistos. Faça cópias de todos os documentos e não ande com os originais. 4. Contrate uma assistência em viagem Há desde cober tura para possíveis imprevistos, como au-

xílio médico, odontológico e assessoria jurídica, até apoio com bagagens extraviadas e voos atrasados.

dem não cobrir casos mais complexos. Por isso, o ideal é contratar um seguro viagem com empresas especializadas.

5. Segurança da casa Se toda a família irá viajar, não descuide da segurança do imóvel. Verifique travas de portas e janelas, não comente sobre o período de ausência com estranhos e, se morar em condomínio, avise porteiros e síndico sobre pessoas com entrada autorizada.

7. Bagagem e objetos de valor Mais de 24 milhões de malas são extraviadas todo ano. Por isso, identifique a bagagem com seu nome e contatos. Decore com fitas coloridas e adesivos, para diferenciar de malas parecidas. Não despache objetos de valor, nunca carregue todo o dinheiro e cartões em um só lugar e deixe pequenos montantes separados, além de um cartão para emergências.

6. Imprevistos médicos Embora sempre idealizemos uma viagem perfeita, imprevistos podem acontecer. Gastos com despesas médicas em outros países costumam ser exorbitantes. Para se ter uma ideia, uma simples cirurgia de apendicite pode custar mais de US$ 30 mil. Assistências oferecidas por companhias de cartões de crédito são mais restritas e limitadas, e po-

8. Vacinas e medicamentos Alguns destinos solicitam obrigatoriamente tipos diferentes de vacinas, como a da febre amarela, por exemplo. Se fizer uso de medicamentos prescritos, garanta a quantidade suficiente para toda a viagem.

9. Gravidez A viagem de gestantes sempre requer cuidados extras. Algumas companhias aéreas reservam os primeiros assentos da aeronave para situações especiais, pois são mais espaçosos. Por isso, informe sobre a gravidez no ato da reserva. A maior parte dos seguros viagem cobrem até a 22ª semana de gestação. Acima deste período, é preciso contratar um seguro especial. 10. Melhor idade Cresce a cada ano o número de viajantes acima dos 65 anos. É muito importante ter cuidados com o clima e a alimentação no destino, e ainda adquirir um seguro viagem. Verifique sempre as coberturas e a idade máxima da assistência contratada. Serviço: Assist Card

SP Cidade Linda recolhe 126 toneladas de lixo na Avenida Celso Garcia A 15ª etapa do programa SP Cidade Linda fez, na semana passada, diferentes ações de zeladoria e limpeza nos 6,5 quilômetros da Avenida Celso Garcia, que interliga os bairros do Pari e da Penha. Para atender aos pedidos dos moradores da região, um dos principais serviços realizados pela ação foi a recuperação do asfalto da via. O serviço de tapa-buraco fresou 567 metros quadrados e tapou 43 buracos. Também foram recolhidas 126,3 toneladas de lixo de toda a avenida. O programa também fez uma semana de campanha de conscientização ambiental, com informações sobre o descarte correto de resíduos. A avenida recebeu dez lixeiras do modelo especial, feitas de ferro galvanizado. Toda a via passou por limpeza mecanizada com uma varredeira de grande porte e 5 aspiradores de resíduos urbanos. Para melhorar a drenagem da avenida, 19 bocas de lobo e 5 poços de visitas foram limpos e 255 metros de galerias, desobstruídas. Foram trocadas 22 tampas de bocas de lobo, 11 guias chapéu e 4 grelhas. Houve reforço na segurança do trânsito com a renovação de 158 placas e de 2.370 metros quadrados de sinalização horizontal, além de manutenção semafórica. Para melhorar as condições aos pedestres que transitam pela avenida, houve a conservação de 22 metros quadrados de calçadas, 24 metros de guias e 84 metros de sarjetas. A via ainda recebeu reparos e reformas das suas rampas com acessibilidade. Todos os 62 pontos de ônibus passaram por manutenção completa, com lavagem, retirada de propagandas irregulares e aplicação de novos adesivos com informações sobre linhas e itinerários.

EXPEDIENTE Diretor - Paulo César CardosoUL - paulopat@pacprommos.com.br Diretor de Arte - Fábio Vieira Penteado - jornalismo@jornaloretrato.com.br - Revisão - Adailce Maganha Projeto Gráfico - PAC/prommos - Impressão Folha Gráfica Colaboradores - Adriano dos Santos, Andreia Zuber Rosa, Angélica Cardoso Paravela, Antonio Ramos, Carlos Sisteroli, Dona Pri, Elisabeth Ferrentini de Sousa, Francisco Cardoso, Márcia C. Ungri, Marcos Rodolpho, Maria Fernanda Zuber Rosa, Maricy Lima, Miriam Agar, Terezinha Muraro Viviani, Vani Rodrigues e Vera Lúcia Cardoso. O jornal O RETRATO é uma publicação da PAC/Prommos Comunicação e não se responsabiliza por eventuais mudanças na programação fornecida, bem como pelas opiniões emitidas nesta edição. O conteúdo dos anúncios publicados no jornal O RETRATO é de total responsabilidade dos anunciantes.

PARA ANUNCIAR

queroanunciar@jornaloretrato.com.br

Tel.: 3386-3740


04

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

cidade

exatas Divulgação

Câmara de SP aprova a Lei do Xixi, que multa quem urinar em espaços públicos

O projeto segue agora para sanção do prefeito João Dória. A ideia está em consonância com a operação Cidade Linda, que está implantando novos banheiros públicos por toda a cidade Por 48 votos a favor e 2 contra, foi aprovado na sessão desta quarta-feira (19) da Câmara do Vereadores de São Paulo o Projeto de Lei 24/2017, que prevê a aplicação de multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) para quem for flagrado urinando em vias ou logradouros públicos. De autoria do vereador Caio Miranda (PSB), o projeto visa municiar a população de uma ferramenta de controle, denúncia e

que promova um convivio sustentável durante grandes eventos, como o Carnaval de Rua, a Virada Cultural, a parada LGBT e a entrada e saída de jogos de futebol. “O Carnaval de Rua, principalmente, já comprovou o enorme potencial de trazer benefícios para a cidade, mas precisamos criar um ecossistema em que ele cresça de forma organizada. Nos jogos futebol, isso se

repete: vemos a lateral do estádio do Pacaembu, um local tombado como patrimônio histórico, ser transformado em urinol. Essa é mais uma ferramenta de reorganização de grandes eventos, em consonância com o projeto Cidade Linda”, afirma o vereador. Os fiscais das subprefeituras serão os responsáveis pela fiscalização - com a possibilidade de apoio da Guarda Civil Metropolitana (GCM) e aplicação da multa, que será atrelada ao CPF do infrator. Em caso de não pagamento da mesma, o cidadão notificado poderá ter seu nome inserido no cadastro de inadimplentes do Serasa. “A ideia é dar ao poder público e aos moradores das regiões que recebem as festividades um dispositivo concreto de fiscalização que ajude a criar um hábito mais consciente do público. É uma ferramenta com cunho educativo”, explica Caio Miranda. O montante arrecadado com as multas será direcionado ao Fundo Municipal de Limpeza Urbana. “Só a elaboração do projeto e a sua repercussão positiva nas redes sociais e na mídia já criaram um debate importante na cidade sobre a necessidade de termos mais consciência e valorizar a cidade de São Paulo. E com a instalação de novos banheiros públicos e a reforma de tantos outros pelo prefeito João Dória, que já se mostrou simpático ao meu projeto, com certeza a cidade só tem a ganhar”, comemora o vereador. O prefeito terá 90 dias para sancionar o projeto.

saúde Hospital São Cristóvão promove palestra gratuita sobre Mitos e Verdades da Homeopatia Quando falamos em homeopatia surge uma série de dúvidas: se o tratamento é preventivo e curativo; se tem a mesma eficácia que uma medicação convencional; se também é indicado para grávidas e crianças; e se é reconhecida como uma especialidade médica. Essas e outras perguntas serão esclarecidas no auditório do Hospital e Maternidade São

Cristóvão, na última sexta-feira do mês, dia 28 de abril, em palestra com o Dr. Welington Saraiva de Oliveira, clínico, geriatra e homeopata. O evento é gratuito aberto a todos que queiram participar. As inscrições devem ser feitas antecipadamente no site www.saocristovao.com.br, na página de Ensino e Pesquisa. Na ocasião, serão aceitas doa-

ções de alimentos não perecíveis a serem encaminhados para entidades carentes. Serviço: Mitos e verdades sobre Homeopatia 28 de abril 10h30 às 11h30 Hospital e Maternidade São Cristóvão - Auditório R. Américo Ventura, 123 - Mooca

Problemas e soluções no aprendizado da Matemática JEFFERSON SANTOS * A Rainha das Ciências ainda é a disciplina escolar com grande índice de rejeição pelos alunos, já que não há uma cultura que incentive o ensino da Matemática, apontando concretamente a sua importância em nossa vida, em nosso cotidiano e em nossa sociedade. Cito sociedade, pois a Matemática é social. Desde o homem pré–histórico e as primeiras civilizações da humanidade, já se usava a Matemática. O resultado de todo progresso atual da humanidade é graças as ciências, e toda ciência é composta por Matemática. É comum, em nosso sistema educacional, muitos alunos com dificuldades de aprendizagem. Seja por salas lotadas, por não gostarem da disciplina a ser estudada, não entenderem o conteúdo e terem vergonha de perguntar aos professores e colegas de sala, entre outros. Assim, o professor, devido ao grande número de alunos em sala de aula e a indisciplina, algo que faz o profissional perder boa parte do período de aula, não consegue identificar as dificuldades individuais de seus alunos.

Essa problemática é de monstrada nos índices educacionais em nosso país. Geralmente, em avaliações internacionais, estamos nas últimas colocações quando o assunto é Matemática. Para suprir esse déficit educacional, a aula particular é eficaz. Há o encontro entre professor e aluno, na qual a atenção é voltada totalmente para o educando, que se sente à vontade em sanar todas as dúvidas, construindo uma relação de confiança e reciprocidade no processo ensino-aprendizagem. Nesse formato de aprendizado, o professor consegue realizar uma aula exclusiva, tendo um diagnóstico e um acompanhamento sobre as dificuldades e o progresso do educando, obtendo resultados satisfatórios. * Jefferson Santos é professor de Matemática da rede municipal de ensino, formado em Matemática e Pedagogia. Ministra aulas particulares de Matemática para ensinos fundamental, médio e concursos públicos. Serviço: www.matematicaefacil.com.br


O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

economia

05

educação

Repatriação

Divulgação

Os 5 principais riscos de não aderir! Milhares de brasileiros mantém dinheiro em contas no exterior, mas, agora, com a nova lei de repatriação, empresários e pessoas físicas passam a poder organizar e declarar seus bens. Porém, o que muitos ainda não sabem, é que existem alguns riscos para quem não fizer a regularização. Essa lei inclui o crime de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e sonegação fiscal. “Além do pagamento de multa e de responder a processos administrativos na Receita Federal e Banco Central, o contribuinte pode ser obrigado a responder uma ação criminal pela justiça comum, a respeito dos possíveis crimes”, explica Fernando Bergallo, diretor de câmbio da FB Capital. Fernando Bergallo listou os 5 principais riscos de não aderir a repatriação. 1. Prejuízo financeiro: O contribuinte flagrado com recursos em situação irregular no exterior, poderá ser autuado pela Receita

Federal e obrigado a pagar multa superior a 200% do valor constituído no exterior em situação irregular. 2. Responder a ação criminal: Além do pagamento de multa e de responder a processos administrativos na Receita Federal e Banco Central, o contribuinte pode ser obrigado a responder uma ação criminal pela justiça comum, a respeito dos possíveis crimes de: sonegação fiscal, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. 3. Bloqueio do dinheiro em bancos estrangeiros e cancelamento da conta: Após a implementação do FATCA (Foreign Account Tax Compliance Act), tornou-se cada vez mais necessária a comprovação da origem dos recursos depositados em bancos estrangeiros. Os critérios de “compliance” são cada vez mais rigorosos, e clientes flagrados com dinheiro em situação irregular por bancos estrangeiros podem ter suas contas encerradas

de forma unilateral e eventualmente, em casos mais graves, ter seus recursos bloqueados e/ou sua conta congelada até ampla verificação por parte do banco. 4. Não deve haver outra oportunidade: O fato de ter sido aberto o segundo turno para o processo já surpreendeu a muitos, pois, geralmente a anistia compreende uma “janela” pontual para que se realize a regularização, mediante pagamento de multa. Será muito pouco provável que um novo “Terceiro turno” seja criado no futuro. 5. Fim do sigilo bancário mundial: Os novos tratados internacionais de cooperação, principalmente após os atentados de 11 de setembro, tornam cada vez mais difícil “esconder patrimônio”. Seguramente é um caminho sem volta, considerando os grandes benefícios que os governos tem com a facilidade de acesso às informações financeiras de seus cidadãos.

Drummond tem inscrições abertas para o Vestibular Social Processo seletivo conta com 2.500 bolsas de estudo, que podem chegar a 100% de desconto nas mensalidades A Faculdade Drummond está com as inscrições abertas para o Vestibular Social, iniciativa que oferece para o segundo semestre de 2017, 2.500 bolsas de estudo de até 100%. A prova acontecerá no próximo dia 29 de abril, sábado, às 09h. Os candidatos também podem optar pelas provas agendadas, que acontecem às quintas-feiras em três horários, às 09h, às 16h e às 19h30. O processo seletivo ocorre simultaneamente nas quatro unidades da Instituição – Tatuapé, Vila Formosa, Penha e Ponte Rasa. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pela internet (www.vestibularsocial.com.br), pelo telefone (2207-7686) ou pessoalmente em uma das unidades. Estão em oferta mais de 30 cursos entre bacharelado, licenciatura e tecnólogos, entre eles, destaque para o curso de Pedagogia - maior nota do Estado de São Paulo pelo MEC -, e Direito, com maior média do País em alunos aprovados no exame da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Gestão Desportiva e de Lazer, Futebol, Administração, Marketing, Pedagogia Engenharia

Eletrônica, Engenharia de Produção, Educação Física e Recursos Humanos também se destacam pela procura. Para garantir formação de qualidade, a instituição de ensino conta com professores experientes, mestres e doutores; infraestrutura de ponta; estímulo à pesquisa; e ferramentas de apoio às aulas presenciais. Os alunos também contam com transporte gratuito para as unidades Tatuapé (saída da estação Carrão do Metrô) e Penha (saída da estação Penha do Metrô). No dia do vestibular também será oferecido o serviço de traslado. Serviço: Campus Tatuapé Rua Professor Pedreira de Freitas, 401/415. Campus Ponte Rasa Rua São Miguel, 4335. Campus Vila Formosa Praça Nossa Senhora das Vitórias, 92 Campus Penha Avenida Penha de França, 35


06

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

GASTRONOMIA Circuito Gourmet consumo

6 passos para escolher a carne na hora da compra Divulgação

A carne bovina é um item sempre presente na lista de compras e na mesa dos brasileiros. Apesar disso, muitos ainda têm dúvidas na hora de escolher a carne no supermercado ou açougue. Como escolher a peça mais fresca? A carne vermelhinha é a melhor? Como saber se a carne foi aprovada pelo Ministério da Agricultura? Para acabar com qualquer dúvida, o chef e pesquisador Guga Rocha ensina alguns truques rápidos para acertar na escolha da carne e levar para casa um alimento fresco e com garantia de origem. 1. Etiqueta interna O primeiro passo para escolher uma carne de qualidade é checar as informações da etiqueta interna do produto. Nessa etiqueta você encontra as datas de produção e validade, a temperatura em que o produto deve ser mantido (resfriado ou congelado), endereço da fábrica em que foi produzido e o selo do SIF (serviço de inspeção federal). 2. Selo SIF O Selo SIF - Serviço de Inspeção Federal - assegura que o produto foi inspecionado pelos fiscais e agentes do Ministério da Agricultura e está apto para consumo. Por isso é sempre imprescindível que a carne tenha essa identificação na etiqueta interna. Caso o produto tenha sido manipulado pelo açougueiro, peça para que ele mostre a etiqueta do produto que foi porcionado ou manipulado. 3. Embalagem a vácuo Dê preferência aos cortes embalados a vácuo. Assim você tem a certeza de que o produto traz a garantia, a segurança e a qualidade do fabricante. Além disso, a embalagem a vácuo ainda aju-

da a manter o frescor da carne, já que todo o ar é retirado logo após a produção, evitando assim a oxidação da peça. Ao abrir a embalagem, as carnes normalmente apresentam um odor mais forte, que se dá pela ausência de oxigênio na embalagem, mas isso não significa que a carne está estragada! Em poucos minutos, o cheiro desaparece e a coloração volta ao normal. 4. Carnes resfriadas Dê preferência às carnes resfriadas, comercializadas in natura. Essas peças não têm a adição de qualquer produto químico ou conservante. 5. Coloração da carne A cor da carne é um item importante para definir se o produto está bom para consumo, mas não é o único. Uma cor vermelhinha não deve ser o único fato observado na hora da compra, até porque os cortes embalados a vácuo ficam um pouco mais escuros pela falta de ar da embalagem, mas, assim que abertos, retomam a cor normal. Para escolher a carne ideal, associe essas informações com os dados de data de produção, da-

ta de validade e aspecto sensorial como o odor. 6. Temperatura da gôndola Os supermercados e açougues são imprescindíveis para o processo de qualidade da carne para o consumidor. A fim de garantir um alimento adequado para consumo, é importante e necessário que a temperatura da gôndola esteja adequada. Para saber se a carne está armazenada de forma correta, basta verificar a temperatura indicada pelo fabricante na etiqueta interna e a do termostato da gôndola. Sobre o chef Guga Rocha Guga Rocha já viveu experiências gastronômicas nos mais variados países, como Itália, Portugal, Espanha, Tailândia, Canadá e França. Sua cozinha hoje é reflexo da culinária dos lugares por onde passou, com pitadas dos ingredientes e técnicas nacionais que serviram de escola para ele. Atualmente, Guga atua como pesquisador, palestrante, professor, chef e apresentador de programas culinários na TV. Serviço: Academia da Carne Friboi


O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

queijo & vinho

07

receita Divulgação

André Zangerolamo, sommelier da World Wine, ensina a harmonizar Gorgonzola com vinhos Queijos fortes e picantes, como o Gorgonzola, ficam ótimos com vinhos doces, mas também podem combinar com tintos secos bem frutados Os queijos azuis, como o Gorgonzola, têm sabor forte e característico. Por isso há alguns segredos ao harmonizá-los com vinhos. Uma das combinações clássicas, conforme explica André Zangerolamo, sommelier da World Wine, uma das maiores importadoras do país, é com o doce Vinho do Porto. “Mas existem possibilidades de harmonização com vinhos secos e potentes que ficam deliciosas”, ele explica. O queijo Gorgonzola nasceu na cidade de Gorgonzola, na Itália. Sua aparência é marmorizada, com veios esverdeados, devido à adição do fungo Penicilium roqueforti, o que dá a ele um sabor bem característico, levemente salgado, frutado e picante. É muito apreciado por sua consistência úmida e quebradiça, que derrete rapidamente na boca. Nas tábuas de queijos combina com sabores adocicados, como uva, pera e damascos, acompanhando muito bem vinhos doces. Produzido no Vale do Douro, em Portugal, e envelhecido em adegas na cidade litorânea de Vi-

la Nova de Gaia, o Vinho de Porto é Potente e doce. Pelo fato de ser fortificado com aguardente vínica, possui maior teor alcoólico (entre 18% e 22%) e contém açúcar residual, além de uma leve acidez. “Esta harmonização clássica é feita por contraste. A doçura do vinho, ressaltada pelo teor alcoólico, contrasta com o sabor salgado e levemente amargo do queijo, deixando na boca uma sensação final muito agradável. Um vinho potente que combina com um queijo potente”. Mas, conforme ensina André, é possível harmonizar queijos azuis, como o Gorgonzola, com vinhos tintos que sejam bastante frutados e um pouco mais alcoólicos, o que acaba dando uma sensação de doçura na boca. Entre as regiões viníferas em que os vinhos costumam ter essas características está Ribera del Duero, no Norte da Espanha. “É uma região que fica a aproximadamente 600 metros de altitude, com baixa produção de uvas e produtores muito cuidadosos. Os vinhos de lá, em geral, são mais encorpados, chegando

às vezes a ultrapassar 15% de álcool. Não são vinhos baratos, mas alguns produtores, como Bodegas y Viñedos Valderiz, oferecem opções mais acessíveis que podem ser comparadas a marcas icônicas por sua complexidade e elegância”, explica o sommelier. Outra sugestão de harmonização com Gorgonzola são vinhos produzidos a partir da uva Garnacha, que também se expressa bem em várias regiões da Espanha. “Trata-se de uma casta que costuma produzir tintos secos e muito frutados”. Uma das sugestões é o Tres Picos, da Bodegas Borsao. “Este vinho é produzido a partir de videiras bem antigas, entre 30 e 40 anos, e tem boa estrutura, com aroma e sabor rico de frutas vermelhas e chocolate. A graduação alcoólica alta (15%) e fruta intensa trazem uma sensação levemente doce que fica ótima com queijos azuis”, finaliza o sommelier. Serviço: Tirolez www.tirolez.com

Como fazer Patê de Grão-de-bico Ingredientes: - 1 lata de grão-de-bico cozido (265 g) - 4 colheres (sopa) de maionese light - ¼ xícara (chá) de suco de limão - 1 dente de alho - Sal a gosto - 2 colheres (sopa) de salsa picada - 1 embalagem de Torrada Multigrãos Adria (160 g) Como fazer: Passo 1: Coloque no copo do liquidificador ou processador o grão-de-bico, a maionese, o su-

co de limão, o alho. Bata bem até obter uma pasta. Passo 2: Tempere com o sal, salpique a salsa e sirva acompanhando as torradas. Rendimento: 16 torradas Tempo de Preparo: 20 minutos Serviço: Adria www.adria.com.br


08

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

veículos

Ford lança nos EUA o Fusion Police Responder, primeiro carro de polícia híbrido da indústria Primeiro sedã híbrido certificado para perseguições policiais, o veículo tem capacidade de rodar por períodos longos em diferentes velocidades e de transpor obstáculos como guias e alagamentos. Ele é equipado com um motor 2.0 de ciclo Atkinson a gasolina e um motor elétrico com bateria avançada de íons de lítio, calibrado para acelerar até 96

km/h no modo elétrico. Quando necessário, ele muda automaticamente para o modo de desempenho máximo, com o motor e a bateria trabalhando no pico de aceleração. Futuros lançamentos O novo Fusion Police Responder faz parte da meta da Ford de lançar 13 novos veículos elétri-

cos nos próximos cinco anos, com um investimento de R$ 4,5 bilhões para oferecer mais autonomia, desempenho e economia aos consumidores. Está integrado também ao plano da Ford de expandir sua atuação como empresa de automóveis e de mobilidade, incluindo a liderança em veículos elétricos e autônomos. “Eletrificar nossa nova gera-

ção de veículos é uma parte central do nosso compromisso inabalável com a sustentabilidade”, diz Joe Hinrichs, presidente da Ford nas Américas. “Como líderes em veículos elétricos, temos o compromisso de entregar carros, picapes e utilitários esportivos que sejam os melhores não só para os consumidores, mas também para o meio ambiente e a sociedade.”

Os futuros lançamentos da Ford nessa área incluem: um novo carro híbrido de polícia, um SUV compacto totalmente elétrico (2020), um carro autônomo híbrido para uso comercial e compartilhado (2021), uma picape F-150 híbrida (2020), um Mustang híbrido (2020) e uma van Transit Custom híbrida “plug-in” (2019).


O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

A Ford apresentou nos Estados Unidos o primeiro carro híbrido desenvolvido especialmente para perseguições policiais, o Fusion Police Responder. O modelo faz parte do plano da marca de ser líder global em veículos elétricos, mantendo ao mesmo tempo a sua posição como principal fornecedora de carros para a polícia nos EUA, com 63% do mercado. Apresentado nas cidades de Los Angeles e Nova York, o Fusion Híbrido Police Responder tem como principais vantagens a redução de emissões e a economia de combustível. Com consumo equivalente a 16 km/l, ele é duas vezes mais econômico que o modelo usado atualmente pela polícia, o Police Interceptor 3.7 V6. Com o carro em ponto morto, a bateria de íons de lítio ajuda a fornecer a alta carga elétrica consumida pelos equipamentos usados na atividade policial, reduzindo o consumo de combustível.

09


10

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

CULTURA & LAZER Entretenimento para todas as idades

show

teatro Foto: Divulgação

Agenda/Música Sertaneja: Barra da Saia realiza Ensaio Aberto no "Ao Vivo Music" Foto: Divulgação

res da música sertaneja, desde veteranas até as artistas mais jovens. Com uma proposta moderna e pioneira dentro da música brasileira, a Barra da Saia é formada por quatro integrantes: Adriana Sanchez (sanfona, teclado e voz), Carol Duarte (violino e bandolim), Denise Soares (viola, violão e guitarra) e Eliza Marin (violão e voz). Amadrinhada por Hebe Camargo (in memorian), a banda está na estrada desde 1999 quebrando tabus e trazendo influências que passam pelo sertanejo raiz, pelo country, pelo rock e pela música latina.

Na próxima sexta-feira, dia 21, a partir das 21h, a banda feminina Barra da Saia realizará um ensaio aberto em comemoração ao aniversário da integrante Denise Soares. O evento que promete agitar o feriado de Tiradentes acontecerá no “Ao Vivo Music” localizado no bairro de Moema (São Paulo, capital).

Nesta apresentação, a Barra da Saia contará no repertório com canções que fazem parte de um novo projeto da banda que contará a história da mulher na música caipira e sertaneja. Este trabalho, que será lançado em breve, inclui também um documentário e contará com a participação de diversas mulhe-

Serviço: Barra da Saia apresenta o Projeto “Ensaio Aberto” Sexta-feira, dia 21 Horário: 21h Local: Ao Vivo Music Rua Inhambú, 229, Moema Ingressos: Antecipado R$40,00 / Na porta R$50,00 Informações: (11) 5052-0072 ou https://www.eventbrite.com. br/e/barra- da-saia-apresenta-o-projeto-ensaio-aberto-tickets-33397366422

A Falecida “A FALECIDA” é uma obra ousada, emocionante e cheia de humor mordaz. Assombrada pela moral e fascinada por uma ideia fixa de morte purificadora, Zulmira percorre funerárias planejando seu próprio enterro com pompas e cerimônias. A fim de se igualar a castidade de sua prima, desafia sua família e contraria seu marido, um homem desempregado e igualmente fanático, mas por futebol. Esta montagem foi contem-

plada com a “IV Edição do Prêmio Zé Renato de Teatro para a cidade de São Paulo”. Serviço: A Falecida Teatro do Sol Rua Damiana da Cunha, 413 Santana. Temporada: 25 de abril a 25 de junho. Sábados às 21h e domingos às 19h. Temporada gratuita Tel.: 3791-2023


O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

11

dança

A 12ª edição do ABCDança tem início no dia 19 de abril em Diadema Em sua 12ª edição, o Projeto ABCDança circula pelas cidades do ABCD Paulista e capital São Paulo, propondo uma diversificada programação de dança em seus múltiplos estilos, que envolve espetáculos, intervenções, cursos, oficinas, fóruns e diálogos. A programação acontece entre abril e maio e todas as atividades são gratuitas. Em Diadema, os espetáculos e oficinas correm de 19 a 26 de abril, no Teatro Clara Nunes, Centro Cultural Diadema, Centro Cultural Serraria e Praça da Moça. Mostra Ivonice Satie Nas edições recentes do ABCDança constatou-se a crescen-

te demanda de artistas e coletivos artísticos de dança iniciando trabalhos de pesquisa corporal e coreográfica, assim como grupos já existentes emergindo e intensificando seu trabalho de dança na região, em busca de difusão e visibilidade. Com o intuito de aperfeiçoar e ampliar a realidade da dança local, esta edição traz a Mostra Ivonice Satie, voltada aos grupos independentes que apresentam intervenções curtas, exclusivamente da região do ABCD paulista. A mostra acontece no dia 20 de abril (quinta-feira, às 19h), no Teatro Clara Nunes, no Centro Cultural Diadema. Os grupos que compõem a Mostra Ivonice Satie receberão

uma apreciação crítica de um profissional da dança convidado pelo projeto. Com a realização desta mostra o Projeto ABCDança reforça seu compromisso com o fortalecimento da dança na região do ABCD paulista, além de homenagear esta artista que foi uma das grandes incentivadoras da dança no Brasil. Com sua visão vanguardista Ivonice proporcionou amplo acesso e universalização à linguagem da dança.

Serviço: Informações: abcdanca@apbd.corg.br Tel.: 9.9992-77990 / 9.9883-8276

evento

Festival #JuntosBuscamos une arte, literatura e migração Os fluxos migratórios gerados em decorrência de guerras, ou mesmo de desastres naturais afetam pessoas em todo o mundo e são, cada vez mais recorrentes nos últimos anos. Esse deslocamento está presente nos noticiários e na mídia, na arte e na literatura. Atual e urgente, essa questão é tema do Festival #JuntosBuscamos, realizado pelo Goethe-Institut e que acontece no dia 23 de abril de 2017 (domingo), das 11h às 17h, no Espaço de Leitura do Parque da Água Branca (Rua Ministro Godói, 180 - Perdizes). O evento conta com diversas atrações, entre música, histórias, sarau e atividades lúdicas. Um dos destaques é a representação anamórfica (legível apenas quando vista de um determinado ângulo) de uma palavra retirada de um texto literário. Para quem gos-

ta de música, a Pequena Orquestra Interativa (POIN), septeto formado por violão, acordeon, flauta, violino, sousafone e percussão, vai animar o festival e interagir com o público. Além disso, o grupo Maiúsculos&Minúsculos promoverá atividades com livros e leitura para crianças e o Sarau Supersônico irá compartilhar textos e e poemas da literatura infantojuventil. Além do evento no Parque da Água Branca, o Goethe-Institut lança o Concurso #JuntosBuscamos, disponível no site www.goethe.de/saopaulo/juntosbuscamos e que vai dar prêmios em livros. Qualquer um pode participar, enviando fotos, vídeos e outros formatos, tendo como tema a palavra secreta de um trecho da obra do autor Elias Canetti, vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1981.

Programação 11h00 - Maiúsculos&MINÚSCULOS 12h00 - Formação da palavra de forma anamórfica 13h00 - Contação de histórias 14h00 - Mediação de leitura e oficina preparatória para o Sarau 15h00 - Sarau Supersônico com o tema Migração 16h00 - Pequena Orquestra Interativa (POIN) 14h00 às 17h00 | Feira de troca de livros SERVIÇO: 23 de abril de 2017 | 11h às 17hParque da Água Branca | Espaço de Leitura Rua Ministro Godói, 180, Perdizes Gratuito | Aberto ao público Mais informações: w w w. g o e t h e. d e /s a o p au l o/ juntosbuscamos www.goethe.de/saopaulo


12

O JORNAL DO TATUAPÉ, MOOCA E REGIÃO

grafite

Projeto artístico brasileiro desembarca na Síria Os grafiteiros Rimon Guimarães e Zéh Palito entrarão na Síria para levar arte e esperança para uma população que tem sofrido muito com a guerra Após quase duas semanas de muitas atividades no Líbano, onde pintaram escolas e alojamentos, e desenvolveram oficinas de arte para crianças e adolescentes em campos de refugiados na província de Beqaa, os grafiteiros curitibanos Rimon Guimarães e Zéh Palito entrarão na Síria nesta quintafeira, dia 20 de abril, para levar arte e esperança para a população. Desde 2011, a Guerra na Síria já tirou a vida de mais de 400 mil pessoas, além de tirar de casa mais de 11 milhões de pessoas e gerar o número alarmante de 5 milhões de refugiados. A ação artística, que será desenvolvida na Síria até o dia 29 de abril, faz parte do CONEXUS, projeto coletivo de arte contemporânea nômade, com curadoria da gaúcha Sheila Zago, que viaja pelo mundo promovendo artistas e desenvolvendo programas educacionais com parceiros locais. Ao desembarcarem na Síria, com o

apoio da Embaixada Brasileira em Damascus, os grafiteiros e a curadora farão parte de uma residência artística na galeria Mustafa Ali. Dentro da proposta, juntos vão fazer pinturas, colaborar com artistas locais e ministrar oficinas para crianças e adolescentes. A agenda do CONEXUS em Damascus prevê, ainda, uma visita oficial à Faculdade de Belas Artes para conhecer a produção artística dos jovens artistas, a pintura do mural do Ministério da Cultura e oficinas dentro do projeto SOS Kinder Village e no Kafr Sousa Cultural Center, coordenado pela UNICEF. “Em um momento de forte fluxo de imigração devido a conflitos internacionais, as pessoas procuram oportunidades para sobreviver, lugares para viver - esperar ou começar uma nova vida. Muitos acabam vivendo em condições não ideais entre campos de refugiados e assentamentos, onde a educação não é facilmente acesFotos: Divulgação

sada e as crianças e adolescentes muitas vezes deixam de estudar. Nesse contexto, o Projeto CONEXUS está desenvolvendo programas educativos para atender jovens, tendo a arte como conector central dos projetos”, explica Sheila Zago. Além disso, a curadora do projeto explica que as aulas de arte são ferramentas terapêuticas para pessoas que têm sofrido tanto nos últimos anos. “Acreditamos que a arte pode trazer algum alívio, perspectiva e habilidades para tornar a espera dessas pessoas menos dolorosa, bem como dar para eles uma voz para expressar o que estão experimentando”, completa. Como é realizado de forma voluntária, o projeto depende de doações para cobrir despesas com transporte, alojamento, alimentação e materiais para o desenvolvimento das ações. As doações podem ser feitas pelo site Generosity (www.generosity.com/education-fundraising/cosmic-futuremaking-art-with-young-refugees). O grupo vai recompensar os doadores com obras especiais. Mais informações pelo e-mail conexusprojectinfo@gmail.com ou na página oficial do Conexus no Facebook (www.facebook.com/ conexusproject).

O Retrato Digital 002  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you