Issuu on Google+

Inédita.Parceria entre CDL e PUC fará pesquisa sobre comércio. Página 7

Dia das Mães. Caderno especial traz dicas de presentes. DIVULGAÇÃO / INTERNET

REPRODUÇÃO

Atração

Betim

9 a 15 de maio de 2014 Ano XXXIX - Número 1610 - - www.otempobetim.com.br

Tiragem desta edição: 45.000 exemplares

Celso Moretti e Chimarruts fazem show de reggae. Página 20

Funcionalismo. Para sindicatos, índice representa ganho real de apenas 5,6% no ano

Vaias e protestos exigem escolta para vereadores Reuniãoqueaprovouaproposta do governopara oreajustede servidores terminou emtumultoexingamentos;parlamentaresprecisaram daproteção de guardas JOÃO LÊUS

Nacional

Betim é a 19ª em gastos com a Câmara Betim está entre as 20 cidades do país que mais gastam com vereadores. O ranking foi divulgado pela Frente Nacional dos Prefeitos.Em2012,ogastocom a Câmara já superava o de muitas capitais e municípios com quase o dobro da população e comoÍndicedeDesenvolvimentoHumanosuperior. Página 5

Tumulto. O presidente da Câmara, Marcão Universal, e outros vereadores precisaram sair escoltados da Câmara após aprovação do reajuste

MOISÉS SILVA

Nem mesmo a greve dos servidores da Saúde e da Educação, que já dura duas semanas e afeta escolas e o atendimento nas unidades de saúde, sensibilizou a prefeitura e a Câmara Municipal. Na terça (6), os vereadores aprovaram oprojetodelei doprefeitoCarlaile Pedrosa (PSDB) que concede reajuste escalonado de apenas 7% ao funcionalismo público. A votação na Câmara foi marcada por forte protesto dos servidores, que já haviam rejeitado a proposta. Com vaias e gritos, os trabalhadores chamaram o prefeito de “mascarado” e o presidente daCasa, MarcãoUniversal(PSDB), de “ditador”. Logo após a sessão, parte dos parlamentares teve que ser escoltada pela Guarda Municipal. Página 3 NELSON BATISTA

Criminalidade

Charneca

Centro perde companhia da PM

Kombi escolar da prefeitura é roubada Página 11

O centro, bairro campeão de ocorrências de roubos na região, perdeu nesta semana a Companhia 174ª da Polícia Militar, que foi transferida para o 33º Batalhão, no Angola. Com isso, comerciantes e moradores temem um aumento ainda maior da criminalidade na região. Por isso, eles fizeram um abaixo-assinado, que será entregue ao prefeito Carlaile Pedrosaeàcorporação. Página 10

Saúde

Falta de remédios persiste Saída. Funcionários da prefeitura ajudaram na mudança de local

Página 13

RACHADURAS- Ministério Público Federal entrou com ação contra a Caixa Econômica para consertar danos em residencial. PÁGINA 12


2

Vittorio Medioli vittorio.medioli@otempo.com.br Fax: (31) 2101-3903

O desafio de Dilma onseguirá Dilma se reeleger? As eleições de outubro nos darão um novo presidente? Se depender dos resultados acumuladosnos três anos e quatro meses de seu governo, existem sérios motivos para acreditar que ela enfrentará desafios enormes. Dilma não é propriamente um fenômeno empolgante; seu sucesso em 2010 se realizou em decorrência de forças exógenas e convergentes, que fizeram dela a opção vencedora. Nunca tinha disputado qualquer cargo pela via eleitoral. Os fatores que determinaram sua vitória se enfraqueceram, alguns desapareceram, e outros se voltaram contra ela. O arsenal minguou. Ainda o quadro econômico atual é marcado de quedas e de incertezas. O cidadão sente que o sacrifício representado pelos elevados impostos é desperdiçado em descasos, privilégios, abusos e corrupção. O caso da refinaria de Pasadena simboliza um sistema perdulário de desperdícios e covardias com o dinheiro do cidadão.Dilma,por suavez,nãoencontrou jeitodepassar adiante das adversidades com sucesso. O quadro que a emoldura é de inquietude e interrogações. Os setores de saúde e de segurança registram a pior avaliação de sempre em todo o território nacional. São pedras no sapato para a população e bloco de rocha no pescoço da presidente. Chega a 80% o percentual de quem reclama dos péssimos serviços nessas áreas. Dilma não tem um álbum de recordações alegres a mostrar, nem um coelho na cartola, ou algo que faça de seu reinado uma era que deixou saudade. A infraestrutura do país está mais esgarçada e insuficiente do que estava quando assumiu; obras continuam inacabadas e marcadas por negociatas; o descontrole corrói as contas públicas; o déficit na balança comercial e financeira assusta; a avaliação de risco do Brasil não para de piorar. A viabilidade urbana surgiu comocastigoquenão poupaninguém.Duranteo governo dela caiu a carapuça do pré-sal, hoje sinônimo de atraso, fracassos, quebra de Eike Batista e prejuízos imensos. A Petrobras parece ter sido atacada por cupins e disposta a cair a qualquer momento. A Eletrobras na gestão de Dilma, ao contrário de conseguir amenizar contas de luz, está gerando aumentos absurdos, e o pior ainda está por vir. Os circos da Copa, em vez de acalmarem o povo, o colocaram a pensar que os bilhões gastos para alguns jogos de futebol poderiam melhorar a vida de todos em todos os dias. Diminuir sofrimentos, colocar mais indefesos em escolas, diminuir as filas do SUS, construir metrôs. O padrão Fifa, de primeiro mundo, ao entrar no Brasil, mostrou que o Estado ainda se orienta por um padrão tupiniquim. Eis o problema. Na prática,o sistema eleitoral em nossa terraconcede ao governante oito anos de mandato e a necessidade de passar por uma confirmação depois dos primeiros quatro anos. Nisso está o maior problema de Dilma. Os resultados são escassos, confusos, insuficientes para pintar num quadro que justifique o voto da maioria. Empalidecem a um exame mais atento e não resistem a um confronto estatístico. Mas, para o governante, precisará contartambém comoutros fatores conjunturais.Nisso entra o status da economia do planeta globalizado. Uma boa onda deixa mais fácil surfar, e Dilma, por sua infelicidade, enfrentará desta vez um refluxo. A desfavor ela tem a capacidade de comunicar, bastante ineficaz e confusa. De fora não contará com a presença fatídica de Lula, nem com a maré favorável. Ainda vêm aí uma Copa e o que acontecerá durante o mês de junho. O padrão Fifa ficará confrontado com o padrão tupiniquim de todos os dias. Nãoserá fácilpara Dilma; disso a força queo “Volta, Lula” vem tomando a cada dia.

C

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Opinião

Contraponto

¼ Y

SobreemendadoPTcompedidopara subiroreajustede7%para10%

“Oaumentodofuncionalismopúblicoprecisaserintegral.Osservidoressãopatrimôniodaprefeituraedomunicípio eprecisamser valorizados.Ogovernotem condiçãode ofereceressereajuste.” Antônio Carlos (PT) - vereador

“QuandoMDCfezoreajuste de2% paraosservidores, vocênão feznada.Agoravempedir10%deaumento?Nãovoupermitirfazer politicagem aqui. O pedido de requerimento está indeferido.” Marcão Universal (PSDB) - presidente da Câmara

¼ 2

Tempo bom para o comérciolocal.A CDL Betimea PUC Minasfirmaramparceria para a realizaçãode uma pesquisa quevaimapear asempresas instaladasna cidade.Esseserá oprimeiro diagnósticonesses moldes,umainiciativa importanteprincipalmente pelofato deBetim serumdos maiores polosindustriaisdopaís.

Tempo bom paraoseduca-

Editorial O preço do reajuste picadinho A história, mais uma vez, se repetiu. Assim como ocorreu em todo o mandato da ex-prefeita MDC, o governo do prefeito Carlaile Pedrosa tambématropelouasnegociaçõescomossindicatosemandouparaaCâmaraoprojetoqueestabelece7%dereajusteparceladoparaosservidores,mesmo semacordocom ascategorias. Nem mesmo a greve que os funcionários da Saúde e da Educação fazem há dias na cidade sensibilizou o governo e os vereadores, que aprovaramoíndice“goelaabaixo”dofuncionalismo.Com isso, osservidores municipais terão que se contentar mais uma vez com o reajuste parcelado,o chamadoaumentopicadinho. Serão pagos 3% até agosto, valor que nem mesmo recompõe a inflação do período – que chegoua6,15%,segundooIPCA–,eos4%restantes, a partir de agosto. Especialistas na área contábilesindicatos afirmam que oreajuste picadinho representa, na verdade, um ganho real menor que os 7% aprovados. Isso porque, se o aumento for dividido por 12 meses, o valor médio por mês será de apenas 5,66%, índice menorquea inflação. Nos últimos anos, o reajuste picadinho tem imperadonaprefeitura.Foiassimem2011eem 2013,quandooExecutivotambémconcedeuíndices parcelados de 5% e 6%, respectivamente.Mas qualo preço dessepicadinho?

Tempo Bom

Bem alto, principalmente para a população. Desdeodia15deabril,cercade30milestudantesestão sem aulana redemunicipal. Além disso,oatendimentonasunidadesdesaúdedeBetim,quejáeraprecário,ficouaindapior,devido à paralisação de funcionários do setor. UsuárioschegaramaprotestarnaportadasUAIs,colocandofogo empneus. A prefeitura alega que não consegue oferecer um índice maior nomomento para o funcionalismo.Só queessa justificativa nãoconvence os servidores, diante da série de denúncias de corrupçãoqueogovernoenfrenta,alémdosprivilégiosoferecidosaumseletogrupode“apostilados-amigos”do prefeito. Casoscomoododonodamaiorrededeeducação da cidade, Carlos Abdalla, que recebeu R$ 43 mil em medicamentos da prefeitura, enquanto muitos usuários não conseguem remédios e tratamentos, ou como o da secretária de Assistência Social, Regina Rezende, que recebeumaisde R$47 millíquidosem marçoesaiu de férias um mês após assumir cargo, são usadoscomoexemplopelosservidoresparacobrar daprefeitura,e comrazão,umíndicemelhor. Enquanto as discussões continuam, quem paga o picadinho, além dos servidores, são os betinenses,queestãoa cadadia maisdesassistidosnasaúde ena educação.

doresinfantis.Aprefeitura,em umatentativadeacabarcoma grevedosetor,enviouparaa Câmaraprojetoqueincluia categorianoplanodecarreira, compromissofeitoem2013, masquenãotinhasidocumprido.Apesardisso,peloprojeto, essesprofessoresnãovãoreceberoreajusteparceladode7%.

Tempo bom paraosshoppingsdeBetim,queestãoinvestindoemprogramaçãocultural paraatrairopúblico.Depoisde oMetropolitanlançarumacampanhadeteatroinfantil,oMonteCarmoagoraapostaemshowsgratuitosumavezpormês.

Tempo Ruim Tempo ruim paraoscomerciantesdocentro,quetememumaumentoaindamaior dacriminalidade.Issoporquea Cia.174ªdaPMfoitransferida daruaClóvisSalgadoparao 33ºBatalhão,noAngola.Com isso,oslojistastememquea situaçãodocentro–quejáéo bairromaisviolento–fiquepior.

Tempo ruim paraosservidores,quevãoreceberdereajusteapenas7%escalonados. Apesardenãofecharacordo comossindicatos,ogoverno enviouoprojetoàCâmara,que foiaprovado.Sindicatosafirmamque,comoparcelamento, oaumentorealseráde5,66%.

Tempo ruim paraBetim, queestáentreos20municípios brasileirosquemaisgastam comvereadores.CadabetinensetevequedesembolsarR$ 112,36parabancaraCâmara Municipal,enquantoosmoradoresdacapitalmineiragastaram R$48,92.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014 REPRODUÇÃO INTERNET

Política

3

Eleição O pré-candidato do PT ao governo de Minas, Fernando Pimentel, esteve no Teresópolis, em Betim, no domingo(4), comoprogramaCaravanasdaParticipação,criado porele paraouvirasreivindicações da população.Navisita, o petistaencontroucorreligionários, comoo vereador Antônio Carlos.

Colapso. Saúde continua em greve por tempo indeterminado; Educação também está parada

Sob vaias e muito tumulto, Câmara aprova reajuste JOÃO LÊUS

Projetoapreciado naterça concedeaumentode7% parceladoemduasvezes Lisley Alvarenga politica@otempobetim.com.br

Mesmo com a proposta de reajustesalarialsendorejeitadapelos servidores municipais da SaúdeedaEducação,queestão em greve há vários dias, os vereadores aprovaram o projeto deleidoprefeitoCarlailePedrosa (PSDB) que concede reajuste escalonado de 7% ao servidor público. A primeira parcela, de 3%, será retroativa ao mês de abril, e a segunda parte, de 4%, somenteserápagaemagosto. A votação, ocorrida na reunião da Câmara de terça (6), foi marcada por forte protesto. Com vaias e gritos, os servidores chamaram o prefeito de “mascarado” e o presidente da Casa, Marcão Universal (PSDB), de“ditador”.Logoapósofimda sessão, grande parte dos parlamentarestevequeserescoltada pela Guarda Municipal, e houve ainda um início de tumulto no momento em que Marcão e outros vereadores tentaram sair do plenário. “Na ânsia de sair, Marcão empurrou as pessoas, que, revoltadas, o empurraram devolta.Éinadmissívelumaatitude truculenta como essa vinda de um representante do povo”, criticou um servidor, que pediuparanãoseridentificado. Comaaprovaçãodoaumento, os trabalhadores da saúde, em grevedesdesegunda (5),informaram que vão continuar de braçoscruzadosportempoindeterminado.Jáoseducadores,paralisadoshá23dias, vãodecidir nesta sexta (9), em assembleia, seretomarãoasatividades. Segundo o coordenador do SindicatoÚnicodosTrabalhadores em Educação (Sind-UTE), Luiz Fernando Souza, a categoriaesperava, no mínimo, que os vereadorespropusessemreajuste integral de 7% ou que discutissem a proposta. “No entanto, opresidentedaCâmaranãoconsegueouviros anseios dapopulaçãoenãodá contadeabriressa discussão. Ele optou por não abrir o debate e colocar a vota-

çãodoprojetoembloco.Issogera insatisfação dos trabalhadores. Espero que, qualquer que seja a administração de Betim, que ela tenha o bom senso de dialogar com os trabalhadores, ato que não foi feito agora nem peloExecutivonempelaCasa”. A diretora do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (SindSaúde), Berenice Freitas, também criticou os vereadores e a atual gestão. “O governo faz o quequerdaCâmara.Overeador AntônioCarlos(PT)eoutrosparlamentarespediramumaemenda com um reajuste maior, e o presidente da Casa nem sequer quis ouvi-los. Do outro lado, o governo é truculento e demonstra cada vez mais que não tem compromisso com o trabalhador”,criticouBerenice. Favorávelaproposta dereajuste, Marcão afirmou que foi coerente em seu posicionamento.“NogovernodaMariadoCarmo, que concedeu um reajuste menor, de 2%, eu votei a favor. Agora, no governo de Carlaile, nãopoderiaserdiferente”. Na visão de especialistas e dossindicalistas,oparcelamento do reajuste proporciona aos servidores um ganho real de apenas5,66%,enãode7%,como promete a prefeitura. O contador e auditor fiscal Lindolfo Fernandes de Castro explicou que um servidor com salário de R$ 1.000 passará a ganhar R$ 1.030 entre abril e agosto. Depois de agosto, o vencimento passará para R$ 1.070. A soma anual significa um montante de R$ 12.680, que, dividido em 12 meses, compreende um vencimento de R$ 1.056,60, ou seja, 5,66%maiordoqueéhoje. Resposta Em nota, a prefeitura informou que a proposta de reajuste de 7% é o máximo que o governo pode oferecer e que as demais reivindicações de cada categoria continuarão sendo discutidas nas mesas permanentes de negociação que continuarão ocorrendoaolongodoano.

Retaliação. Após o fim da reunião, maioria dos vereadores teve que ser escoltada pela Guarda Municipal e houve um início de tumulto

Educadores protestam na porta da casa de Carlaile em repúdio ao atual governo NELSON BATISTA

Servidores da área da educaçãorealizaramumprotestoem frenteàcasa doprefeitode Betim, Carlaile Pedrosa (PSDB), na segunda-feira (5). O ato começou com um café da manhã e a encenação de uma peça de teatro em repúdio à proposta de reajuste salarial de 7% parceladosoferecidapeloExecutivoeaprovadapeloLegislativo. Durante o protesto, os educadorescolocaramemumapanelafolhetoscomosváriosproblemasqueacidadeestariaenfrentando. Dentre eles, saláriosbaixos,salasdeaulasuperlotadas, violência e denúncias de corrupção. Eles também co- Ato. Educadores fizeram um café da manhã e encenação teatral em repúdio à proposta de reajuste braram as promessas de melhorias feitas pelo prefeito du- tomédicona UnidadedeAten- os funcionários disseram que informouque,duranteaparaliranteacampanha eleitoral. dimento Imediato (UAI) Gua- temos que esperar, já que, por sação, vai manter apenas as nabara. As mães que levaram causadagreve,estãoatenden- equipes de urgência. “Espero Saúde seus filhos para consultar no doapenasdehoraemhora”,re- que a população nos apoie. Se Devido à greve dos servidores fimdesemanaficaramrevolta- clamou a dona de casa Adileu- entramos em greve, a culpa é da saúde, pacientes de Betim das. “Minha filha tem 7 anos e zaLopesSá, 40. do governo, que nem sequer estão enfrentando dificulda- estácomdordegarganta.ApeO Sindicato dos Trabalha- quis negociar”, disse Berenice desparaconseguiratendimen- sardeaUAIterduaspediatras, dores da Saúde (Sind-Saúde) Freitas,diretorada entidade.


4

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Política

Esquema. Cheques de verbas públicas eram descontados por pessoas ligadas a Léo Contador

Fraudes forçam prefeitura a extinguir convênios Apósdenúnciasdecorrupção,governoencerraoscontratos SocializaçãoePró-Jovem,executadoscomaONGGlacus REPRODUÇÃO FACEBOOK

Da Redação politica@otempobetim.com.br Alvos de graves denúncias de corrupção e de desvio de mais deR$1milhãoemrecursosfederais e estaduais, os convênios Socialização e Pró-Jovem, que eram mantidos pela Prefeitura deBetimcomoNúcleoAssistencial Irmãos Glacus, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), foram, enfim, extintos pelo governo municipal.Ainformaçãofoiconfirmada pela assessoria de imprensadaprefeitura,atravésde nota oficial enviada por e-mail naúltima quinta-feira(8). Masofimdosconvêniosaindalevaráumtempoparaserpublicado. “A entidade ainda possui vínculo com a prefeitura e precisaprestarcontas.Porisso, a publicação da extinção dos convêniosno“ÓrgãoOficial”só será realizada após a prestação de contas, que deverá acontecer com, no mínimo, 60 dias após o encerramento”, informou. Segundo a prefeitura, todasaspessoascontratadasatravés desses convênios foram notificadasecumpriramavisoprévioatéo dia 30de abril. A decisão apenas confirma as denúncias feitas pelo jornal O Tempo Betim. “Se os convênios foram extintos, é porque eles não fazem falta para a rede de assistência social do município.Agora,aprefeituradeveencontrarumaformaderecuperar oquefoidesviadodoscofrespúblicos municipais. Isso é o que

Relação. Carlão teria usado recursos dos convênios com a ONG Irmãos Glacus em festas para promover o nome do filho de Carlaile para deputado federal, com o apoio de Léo Contador

realmente interessa, e punir os responsáveis pelos desvios”, disse o ex-controlador geral do municípioRobspierre Miconi. Trabalho feito por auditores independentes, entregue por Miconi ao prefeito Carlaile Pedrosa, à promotora Carolina Mendonça e ao presidente da Câmara Municipal, vereador Marcão Universal (PSDB), encontrou graves irregularidades, que apontam para desvios de maisde R$1 milhão. Atravésdaauditoria,constatou-se que dezenas de cheques beneficiaramCarlãoe sua irmã, que emprestava o nome para uma empresa de fachada e usavanotasfiscaisfriaseclonadas.

Em cinco meses, mais de R$ 600 mil teriam sido desviados por meio de lanches fornecidos pelaGlacus. Mais cheques teriam caído em contas de outros cúmplices, mas sua identificação só poderia ser confirmada com a quebradesigilobancário.Destecruzamento, apareceriam, de formadefinitiva,osfornecedorese os operadores que participavamdoesquema. Somente em cheques suspeitos e descontados no caixa do Banco do Brasil e do Santander por cúmplices do esquema, apareceramR$370.736,50destinados ao ex-servidor Carlão, a Lourival Moreira (ex-funcioná-

rio do gabinete de Carlaile que agora,assumecargo nogabinete de Léo), a Adriana Clarindo e figurasqueconstamcomofinanciadores da campanha de Léo Contador. Carlão, durante o período dafarradosconvênios,realizou festas e encontros sociais regados a buffet e muita bebida. Em uma das festas, em que ele comemorava seu aniversário com mais de 500 convidados, ocorreu o lançamento de pré-candidaturas que contariam com o apoio de Carlaile Pedrosa (PSDB). Entre os beneficiados pelas festanças estariam o vereador“Sapão”(PSB)eCarlaileAntônio,oTatau, filho doprefeito.

Eleições 2014

Termina prazo para regularizar título Os eleitores que esperaram até a última hora para retirar, fazer a transferência ou a revisão de dados do título eleitoral enfrentaram filas. Somente na quarta-feira (7), último dia do prazo para fazer alterações no documento, 954 eleitores procuraram o Cartório Eleitoral de Betim, que fica no centro da cidade. Segundo a chefe da zona eleitoral 316, Neusa Maria de Oliveira, a partir de agora, o cartório estará apenas fazendo a emissão da segunda via do título eleitoral, até o dia 25 desetembro. “Agora, a regularização do título só poderá ser feita após o fim da eleição, em novembro. Quem perdeu o prazo para a regularização não poderá votar nas eleições deste ano”, afirmou.

Quem não está regular com a Justiça Eleitoral sofre alguns impedimentos. De acordo com o Código Eleitoral, sem a prova de que votou na últimaeleição,pagou arespectiva multa ou de que se justificou devidamente, a pessoa não poderá, por exemplo, inscrever-se em concurso público, obter passaporte, CPF ou renovar matrícula em instituição de ensino oficial. Eleitores Até o início deste ano, segundo o cartório, Betim tinha 266.542 eleitores, mas o número atualizado só será divulgado em meados deste ano. A zona com maior número de eleitores até o início deste anoeraa316,com101.346votantes. JOÃO LÊUS

Fila. Cartório ficou lotado no último dia para a regularização do título


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Política

5

Discrepância. Cidade ocupa a 580ª posição no Índice de Desenvolvimento Humano do Brasil

Município é a 19ª no país em gastos com vereadores EstudorealizadopelaFNPrevelaque,entre2008e2012,cadabetinensedesembolsou R$112,30paramanterotrabalhodosparlamentares;emBH,foramR$48,92 Da Redação politica@otempobetim.com.br

Levantamento realizado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e publicado, no ano passado, no anuário “Multi Cidades - Finanças dos Municípios Mineiros”apontaqueBetimestá entre as 20 cidades em todo o país que mais gastaram com vereadores.Apublicaçãorelata que, em2012, o município ocupavaa19ªposiçãonorankinge superavamuitascapitais deEstados e municípios brasileiros com quase o dobro da população e com um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) bem superior. OúltimoestudodaFNPadota 2012 como ano-base, quandoR$43,7milhõesforamrepassados para os vereadores betinenses. As Câmaras de Contagem e Uberlândia, cidades consideradas de porte semelhante aodeBetim,porexemplo,receberam, respectivamente, R$ 29,5milhõeseR$24,7milhões. Os dados da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) usados como referências pela publicação da FNP mostram que cada betinense desembolsou por ano, entre 2008 e 2012, R$ 112,30 para manter o trabalho dos parlamentares. Para efei-

toscomparativos,omoradorde Belo Horizonte gastou menos do que a metade disso (R$ 48,92). Cidadescomíndicesdequalidade de vida bem superiores também gastaram bem menos com suas Câmaras Municipais. É o caso da população de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, quecusteouR$39,92,edavizinha Contagem, que desembolsou R$ 48,18. Já São Caetano doSul(SP),consideradaacidadequepossuiamelhorqualidade de vida do país, ocupa a 39ª posição na lista geral de gastos com os vereadores. Betim, que é a 19ª nesse tipo de despesa, ocupa o longínquo 580º lugar noposicionamento do IDH. O repasse que a prefeitura fazàCâmaraéfixadopelaConstituição Federal e corresponde, nocasodeBetim,a5%doqueé arrecadado com os impostos municipaisecomastransferências constitucionais da União e do Estado, com o Fundo de Participação Municipal (FPM) e coma arrecadação do IPVA. Apesar do repasse constitucional,aCâmarapodeeconomizar e devolver ao município o que não é gasto ao longo do ano. Porém, em 2013, a economia foi irrelevante, menos que 1,5%. Dos R$ 46,9 milhões repassadospeloExecutivo,osparlamentares de Betim devolve-

EDITORIA DE ARTE / O TEMPO BETIM

ramapenas R$ 640 mil. Custo-benefício A gastança não significa vantagem para a população, que, muitas vezes, em sequer percebe qual é o trabalho que um vereador tem a obrigação de fazer. Diferentemente de prefeitos, governadores ou até mesmo do presidente da república, que recebem pressão popular e quetêmatodotempoqueprestar contas à sociedade, a atuação dos vereadores não é tão monitoradapeloseleitores. Essa distância é um problema grave, pois esses parlamentares são os que fiscalizam os gastos públicos e aprovam leis, que vão impactar diretamente navidado cidadão. Para o professor em direito administrativo da PUC Minas Roberto Sorbilli, a atuação do Legislativo, se comparada à do Executivo, é muito restrita e limitada, o que não justificaria umgastoorçamentáriotãoalto, como acontece hoje. “Os parlamentares apenas elaboram leis efiscalizamoExecutivoeasautarquias.Elesnãotêmumtrabalhotão direto com a população, como o Poder Executivo, que precisasempreinvestirmaisna qualidade de vida da população. Por isso mesmo, não há razão para os vereadores terem umgastotãoexorbitante”.

RAIO X DAS DESPESAS COM O LEGISLATIVO MUNICIPAL EM 2012* Posição 1º 2º 3º 19º

Cidade

Valor gasto

População

R$ 526 milhões

11.376.685

19ª

Rio de Janeiro R$ 505 milhões

6.390.260

Belo Horizonte R$ 117 milhões

2.395.785

Betim ocupava essa posição no ranking dos cem municípios brasileiros que mais gastaram com a Câmara dos Vereadores

São Paulo

Betim

R$ 43,7 milhões

R$ 43,7 mi

Foram repassados para os vereadores betinenses em 2012. Enquanto isso, cidades consideradas do mesmo porte, como Contagem e Uberlândia, receberam, respectivamente, R$ 29,5 milhões e 24,7 milhões

R$ 640 mil Apesar de terem recebido da prefeitura um orçamento de R$ 46,9 milhões em 2013, 3, os parlamentares de Betim devolve devolveram veram apenas esse valor aos cofr fres municipais cofres

388.873

R$ 112,3

Para manter o trabalho dos parlamentares, cada betinense desembolsou por ano, entre 2008 e 2012, esse valor. Moradores belo-horizontinos, por exemplo, gastaram menos do que a metade disso (R$ 48,92).

580º

Apesar de ser a segunda cidade mais rica de Minas Gerais, essa foi a posição de Betim em 2010, quanto ao Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que avalia a qualidade de vida da população

* Levantamento realizado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e publicado, no ano passado, no anuário “Multi Cidades – Finanças dos Municípios Mineiros”

MOISÉS SILVA/ARQUIVO

“Os parlamentares apenas elaboram leis e fiscalizam o Executivo e as autarquias. Eles não têm um trabalho tão direto com a população, como o Poder Executivo, que precisa sempre investir mais na qualidade de vida da população. Por isso mesmo, não há razão para os vereadores terem um gasto tão exorbitante.” Roberto Sorbilli Professor da PUC Betim. Bairro Alto Boa Vista, na região do Citrolândia, que possui um dos mais baixos IDHs do Estado

Presidente espera reduzir custos Segundo o presidente da Câmara de Betim, o vereador MarcãoUniversal(PSDB),apesar de a receita ter crescido neste ano, o aumento do número de vereadores, de 17 para 23, em 2013, fez os gastos do Legislativo local também crescerem.“Oaumentodonúmero de parlamentares gerou um impacto de cerca de 30% noorçamentodosnovosgabinetes. Além disso, parte dos recursos estimados para este ano,R$12,5milhões,serádestinada à manutenção dos serviços administrativos na Câmara”,explicou Marcão. A expectativa, de acordo com o presidente, é que, em

2014, haja uma redução de custos e que a devolução de recursosparaoExecutivoseja maior do que a que ocorreu noanopassado. A devolução chega a ser uma obrigação ética do parlamento.Deacordocomestimativaorçamentária da prefeitura, para 2014, a previsão é de que o repasse ultrapasse R$ 50 milhões, sendo que mais da metade desse valor será utilizada na manutenção dos 23 gabinetes dos parlamentares, e na grande quantidade de assessores contratados por eles, além do pagamento da folha dos trabalhadores efetivosdaCâmara.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

6

Sobe e desce

¼ I

Artigo

Clique da semana

Márcio Garcia Vilela

400%

Colunista do Jornal O Tempo

A que níveis a nossa nação foi arrastada

Exorbitante. Percentual de diferença entre o preço mais baratoe o mais carode um vaso de crisântemo, opção de presente para o Dia das Mães, segundo pesquisa nesta semana do site Mercado Mineiro.

¼ 12,1% m Veículos.

Índice de queda no número de emplacamentos de carros 0 KM verificado pela Fenabrave, entidade que representa as concessionárias, no mês de abril, em relação a igual período do ano passado.

Em destaque 7% Índice de reajuste aprovado pela Câmara de Vereadores para o funcionalismo público municipal, em reunião plenária realizada nessa terça-feira (6). O aumento será parcelado em duas vezes.

1.924 Número de ocorrências policiais registradas no centro de Betim no período de janeiro a agosto de 2013. Comerciantes e moradores da região temem que a saída da 174ª Cia. da Polícia Militar do bairro agrave a violência ainda mais.

Linha direta

2517-3900 Telefone/Fax Cartas Rua do Rosário, 182 Bairro Angola Betim/MG - Cep. 32.604-218 E-mails Se você tem alguma reclamação ou sugestão de matéria, encaminhe seu e-mail para a editoria correta: Assuntos políticos: politica@otempobetim.com.br Reivindicações/reclamações: cidades@otempobetim.com.br Matérias esportivas: esportes@otempobetim.com.br Denúncias/acidentes: policia@otempobetim.com.br Comercial: comercial@otempobetim.com.br Financeiro: financeiro@otempobetim.com.br

www.otempobetim.com.br

Resistência. Flor que enfeitava uma das árvores que margeiam as ruas do centro da cidade chamou a atenção de um leitor, que ficou espantado com sua resistência às agruras do outono. Foto Fernando Lins

, Cartas

Para mandar um alô para a Redação envie e-mail para faleconosco@otempobetim.com.br. A redação se reserva o direito de resumir as cartas por questão de espaço.

Sugestão

É lamentável quando andamos pelo centro de Betim e observamos que muitos dos nossos comerciantes e moradores não reparam suas calçadas. São, na maioria, sem dúvida, pessoas em condições de fazê-lo, mas impressiona como eles deixam a frente das suas lojas, casas; prédios em estado lastimável e de tão difícil locomoção. Para pessoas com deficiência e idosos então, nem se fala, pois são inúmeras as reclamações de todos eles. Na verdade, todo cidadão anseia por melhores condições de mobilidade, e seriam muito gratos se essas pessoas preocupassem realmente com esse problema. Não só em relação ao piso, mas também quanto ao posicionamento de placas de propagandas, à exposição de mercadorias... E, quanto à obstrução dos passeios, uma maior fiscalização seria necessária por parte dos órgãos públicos. No centro, isso se faz urgente, pois está mesmo uma vergonha, mas,com certeza,a cidadetoda deveriasemobilizar paratal (PTB,Teresópolis, São Caetano, Alterosas, Citrolândia...). Seria sugestão uma

parceria com a prefeitura, em que uma parte pudesse entrar com material, e outras com a mão de obra. Quemsabe,possamos tera agradável surpresa de o nosso centro despontar como exemplo e fazer a coisa bonita, certa! Nilton Melo - Betim

Buracos infinitos É incrível como nós, cidadãos, temos que conviver com problemas que não nos dizem respeito, como os buracos infinitos que surgem do nada entre uma rua e outra, seja no centro ou na periferia, como aqueles resultantes de obras inacabadasdenossa“gloriosa”Copasa. É muito buraco para pouca população. Isso acontece porque, em todas as vezes em que há um problema na rede de esgoto ou de água, os operários até que fazem o serviço e solucionam o problema, mas deixam o bendito buraco aberto para uma outra equipe fechar. Aí, passam dias, passam semanas, e nada de fecharem a bendita cratera. Além da perda estética, esses “gigantes ocos” colocam a segurança de nossas crianças em risco,

TELEFONES ÚTEIS

AempresaSantaEdwigesofereceaos cidadãosdeBetimeBeloHorizonteo serviço VIP dalinha 3212, que, de VIP mesmo, tem só o preço da passagem. Digo isso porque, em determinados horários, ficamos até quase uma hora no ponto esperando um coletivo, sendo que a previsão de intervalo entre as viagens é de “apenas” 20 minutos. Sempre uso os ônibus da linha 3212, e são raras as vezes em que consigo esperá-lo por um intervalo igual ou inferior ao estabelecido pela empresa. Em muitas ocasiões, chega um verdadeiro enxame de coletivos: três ou quatro de uma vez. Não dá para entender. Jeremias Fonseca - Betim

Utilidades (31) 3511.8533 (31) 3594.5424 (31) 3531.2300 (31) 3539.8241 (31) 3597.8270 (31) 3268.1800 192 (31) 3511.8525 (31) 3592.2345 (31) 3531.3930 (31) 3531.3822

Unidades Policiais Delegacia de Mulheres Detran Guarda Municipal PM (33º Batalhão) PM (urgência) Polícia Ambiental Polícia Civil (Plantão) Pol. Rodoviária Federal Pol. Rodoviária Estadual

Santa paciência

Combata os trotes. Ligue somente em casos de necessidade.

Sistema de Saúde Cersam Zoonozes Divino Braga Hospital Regional Hospital do Teresópolis Hospital Unimed Samu UAI Alterosas UAI Guanabara UAI Sete Vigilância Sanitária

comprometem o estacionamento, principalmentese estiverem próximo a comércios, além de impedirem o fluxo normal de veículos pelas vias. Nós, moradores, reclamamos à estatal, esempre um atendente diz que o problema será solucionado até as 18h do dia em que foi feita a ligação. Haja paciência! Roberto Caldas - Betim

(31) 3531.3056 353 (31) 3531.4054 (31) 2191.7400 190 (31) 3532.1748 (31) 3532.2722 (31) 3064.5386 (31) 2123.1926

Alcoólicos Anônimos Câmara Municipal (geral) Cemig Copasa Corpo de Bombeiros Correios Defesa Civil Inss Meio Ambiente Procon Prefeitura (geral) Receita Federal Telefônica GVT Telefônica Oi Telefônica Tremnet Transbetim

(31) 3531.1455 (31) 2129.6100 116 115 193 (31) 300.30100 199 135 (31) 3593.9606 (31) 3531.1188 (31) 3539.4600 146 10325 10331 (31) 3544.0000 (31) 3593.1511

Imprensa Jornal O Tempo Betim Jornal Super Notícia Jornal O Tempo (Diário) Rádio Liberdade TV Betim

(31) 2517.3900 (31) 2101.3000 (31) 2101.3000 (31) 3532.3400 (31) 3544.0053

Domingo, 4 de maio: “dies dominicu”. Como normalmente faço, às 7h já estava aos cuidados do silêncio do meu escritório, que me enchia de tranquilidade. É o que hoje em dia mais anelo. Como o conselheiro Aires, em quem me vejo com frequência, “a vida, mormente nos velhos, é um ofício cansativo”. Daí, prossegue, “exige sossego”. Daqui a pouco, tocará o interfone. Lá do térreo, o porteiro me avisará que os jornais do dia chegaram. Como sempre, peço-lhe que os mande pelo elevador. Abro logo “O Globo”. Folheio-lhe as primeiras páginas e dou com o artigo de Fernando Henrique Cardoso, cujos título e significado me povoam tanto o espírito que resolvi dar a este texto a mesma síntese que ele estaria a pensar e vem se tornando tema de minha insistente reflexão. Não por mim, mas pelos meus; me sinto velho e cansado. Na verdade, busco paz, à espera da minha hora. O Brasil, infelizmente, tornou-se fardo e fadiga, desorientação, uma espécie de território da mentira, da empulhação, do logro, do aproveitamento desonesto dos bens públicos, a ponto de o autor, que me inspirou a verbalizar as minhas sensações, titular o seu texto com desanimada exclamação: “A que ponto chegamos!”. O nosso ex-presidente, o melhor de todo o período republicano, afogado, porém, em lamentável emenda constitucional permissiva de reeleição, desgastou-se demais com a medida, em confronto aberto com as tradições do país, a qual nem os militares ousaram impingir-nos, e acabou desperdiçado (ah, meu Deus, como somos inclinados ao desperdício, não apenas carentes de boas poupanças, seja na esfera econômica, seja no campo político!). Estamos sem líderes fortes e experimentados para enfrentar o que de pior nos aterroriza: o lulopetismo atrevido e desafiador. Alerte-nos, pois, o despreparo absoluto dos atuais donos do poder, a notícia diária da corrupção incessante, os ataques dos saques que se alastram por todos os escaninhos do Estado, desse sem-fim de escândalos que nos indignam e revoltam diariamente. Nascido de um leito familiar envolvido secularmente com o processo político, nunca li, ouvi falar ou testemunhei virulência tão agressiva ao regime da lei e da moral pública como o que se verifica no Brasil; parece castigo. Só o povo, corpo eleitoral consciente, pode erigir e escolher lideranças para a cruzada de que precisamos. Se o titular da soberania não compreender essa responsabilidade, só nos restará sofrer o avanço inexorável da perdição. Será o que nos espera? Ou por outra, nos termos de severa inquirição de FHC, que deveria tornar-se um breviário a orientar a decisão crucial do nosso destino em outubro próximo: “Se, de fato, queremos sair do lodaçal que afoga a política e conservar a democracia que tanto custou ao povo conquistar, vamos esperar que uma crise maior destrua a crença em tudo e a mudança seja feita não pelo consenso democrático, mas pela vontade férrea de algum salvador da pátria?”. O Brasil ficou muito mais longe do que aquele com que uma noite sonhei.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

7

Economia

¼ m

Comercial Compra 2,215

Paralelo Compra 2,170

Turismo Compra 2,210

Dólar

Venda 2,216

Venda 2,340

Venda 2,210

08/05/2014

¼ m ¼ m ¼ m

Ouro 0,53% 9/5/2014

Euro

Bovespa

0,57% 9/5/2014

1,17% 9/5/2014

Demandas. Projeto quer atender a segmento

PUC e CDL Betim se unem para mapear comércio Parceriafoifirmadaemcafédamanhã nessaterça(6),nasededaentidadelojista NELSON BATISTA

Cursos. Coordenador do curso de administração da PUC Betim, Osvaldo Maurício elogiou a parceria

Evandro Teles economia@otempobetim.com.br

Um café da manhã realizado nessa terça-feira (6), na sede daCâmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Betim, marcou o início de uma parceria entre a entidade do comércio local e a PontifíciaUniversidadeCatólica (PUC) Minas Betim. “Reunimos cerca de 50 empresários para apresentar esse projeto, cujo objetivo é fazer um mapeamentocompletodo comérciobetinense”,explicao presidente da CDL Betim, José Barboza. Segundo ele, a cidade não

tem nenhuma pesquisa mais aprofundada sobre o segmento. “Através de uma pesquisa de campo, teremos condições de apontar as necessidades dos lojistas”, completa. Incubadora Segundo o coordenador do curso de administração e do núcleo de projetos de extensão da PUC Minas Betim, professor Osvaldo Maurício, além da execução da pesquisa, a universidade vai desenvolver projetos para atender às demandas do comércio local. “A partir daí, poderemos sugeriracriação de cursostéc-

nicos,desenvolvimentode metodologias de produção enxuta, de gestão mais eficaz, mais sustentável”, revela. O planejamento da pesquisa tem início ainda neste mês, e a execução em campo, em agosto deste ano. Maurício lembra que a parceria com a CDL é apenas partedeumaincubadoradeprojetosqueestá sendolançada pela PUC Betim, cujo objetivo é atender às demandas de todos os setores da sociedade. “O lançamento da incubadora será nesta segunda-feira (12), às 19h, no auditório da PUC Betim”, conclui.

Preços de presente para o Dia dasMãestêmgrandevariação O site Mercado Mineiro fez uma pesquisa de preço de alguns itens que geralmente são escolhidos para presentear as mães no segundo domingo de maio. A diferença de preços em relação a algumas flores, por exemplo, chega a 400%. O absurdo foi verificado no preço de um vaso médio decrisântemo,que foi encon-

trado pelo valor mínimo de R$ 12 e o máximo de R$ 60. Indigesto Em relação a um almoço com a família, para livrar a mãe de ir para a cozinha na data de sua homenagem, a diferença entre o preço mais baratoe o mais caro de um rodízioporpessoa chegou a incríveis 330%.

Nessa opção, o rodízio percapita maisacessível custa R$ 23,90, e o mais caro, R$ 103. “Isso confirma que é cadadiamaisimprescindívelfazer uma boa pesquisa antes de sair à procura de algum produto ou serviço”, diz o presidente da CDL, José Barboza. O site do Mercado Mineiro também tem pesquisas sobre celulares e salões.

ANUNCIE. SOLICITE UM DE NOSSOS REPRESENTANTES. 2517.3900


8

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

9


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

10

REPRODUÇÃO/INTERNET

Cidade

Não à exploração sexual Em virtude do Dia Mundial de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes (18 de maio), será realizada, na sexta-feira (16), a partir das 8h, uma caminhada no Citrolândia. A concentração será na E. E. Doutor Orestes Diniz, que fica na rua Antônio Luiz Drumond, 200.

Insegurança. Entre janeiro e agosto de 2013, coração da cidade contabilizou 1.924 ocorrências FOTOS MOISÉS SILVA

Centro. Mobília da antiga sede, na rua Clóvis Salgado, foi transportada em um caminhão na terça (6)

Angola. No mesmo dia, os móveis foram entregues por funcionários da prefeitura na sede do 33° batalhão

Bairro com maior taxa de roubos perde sede da PM Companhia174ª,quefuncionavana ruaClóvisSalgado,nocentro,foitransferida para asede do33° Batalhão,noAngola;comerciantes tememaumentodacriminalidade Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

Moradores e comerciantes do centro de Betim estão temendo umaumentoaindamaiordacriminalidadenobairro, quejáregistra o maior número de roubos da cidade. Isso porque a Cia. 174ª da PM foi retirada da ruaClóvisSalgado,ondefuncionou por cerca de dez anos, e transferidaparaaatualsededo 33° Batalhão,nobairroAngola. Amudançaocorreunaterçafeira (6). A reportagem de O Tempo Betim flagrou funcionários da prefeitura, responsável pelo pagamento do aluguel do imóveldaantigasede,transportando a mobília em um caminhão. Comerciantes que estão preocupados com um possível aumentoda violência naregião fizeramumabaixo-assinadopedindo a permanência da unidade no antigo endereço. O documento,contendoquase300assinaturas, segundo eles, deverá ser entregue ao prefeito Carlaile Pedrosa e ao comandante do 33° Batalhão, tenente-coronelJair Pontes Neto. “Desde que soubemos que

amudançairiaacontecer,há15 dias, o nosso sossego acabou, pois, com a Companhia 174ª funcionandonocentro,oscriminosos já não se intimidavam, imagina daqui parafrente, com a unidade funcionando em outrobairro”,disseocomerciante Célio Amaral. Uma vendedora, que pediu para não ser identificada, também tem medo. “Nos últimos anos, o estabelecimento onde trabalho já foi alvo de criminosos pelo menos por cinco vezes. Agora, vamos ter que fechar mais cedo”. Outra comerciante que reclamou foi Juliana Amaral. Ela tem uma loja na avenida Nossa Senhora do Carmo. “Há dois anos trabalhando neste ponto, pertodaCia.174ª,nuncafuiassaltada. Mas, agora, estou me sentindo ameaçada”. Violência Números da Secretaria de EstadodeDefesaSocial(Seds)revelam que, somente entre janeiro e agosto de 2013, o bairro que registrouomaiornúmerodecrimes na região Central foi o centro, com 1.924 ocorrências. Na avaliação de um militar,

Repercussão “Desde que soubemos que a mudança iria acontecer, nosso sossego acabou, pois, mesmo com a Cia. 174ª no centro, os criminosos não se intimidavam.” Ameaça. Comerciantes temem que os roubos aumentem na região

que pediu para não ser identificado, a saída da companhia do antigo imóvel pode gerar aumentodonúmerodecrime perto da Cia. 174ª . “Essa unidade foi instalada no centro, há quase uma década, justamente paracriarumsentimentodesegurança entre a população e ser um ponto de referência para o registro de ocorrências. Agora, isso tudo será perdido. Além disso,oscriminosossesentirão mais livres para poder agir”. Já para o assessor de imprensa do 33° Batalhão, capitão Antuer Júnior, a população não tem motivos para se preo-

cupar, porque “o policiamento demanutençãoostensivadaordempúblicaélançadoindependentemente da posição física da sede da companhia”. Aindadeacordocomocapitão, a mudança de local ocorreu porque o imóvel no centro nãoatendiaàsnecessidadesda corporação. Ele também destacou que, agora, parte do administrativo da antiga sede da 174ª será lançada operacionalmente no centro. “Por dia, serão cerca de cinco policiais a mais na rua. O centro está na pauta de prioridade do nosso comandante”, frisou.

Célio Amaral Comerciante

“Essa unidade foi instalada no centro para criar um sentimento de segurança entre a população. Agora, isso será perdido.” Militar, que preferiu não se identificar

Guarda deverá ocupar imóvel Segundoaassessoriadeimprensa da prefeitura, o imóvel deverá ser ocupado por parte da Guarda Municipal. Com isso, apesar de a Polícia Militar não ocupar mais o imóvel, a prefeitura continuarápagandoo aluguel. Hoje, o efetivo da Guarda fica localizado em vários prédios públicos, como no parque de exposição e no CentroAdministrativo. Segundo o corregedor daguarda,JoãoBosco,achefiadacorporaçãosolicitou o imóvel por considerar o local estratégico para que a Guarda possa ajudar na segurançapública dacidade. A prefeitura ainda esclareceu que não teve nenhuma participação na mudançada Cia.174ªdo centro.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Cidade 11

Charneca. Funcionários da instituição de ensino reclamam da falta de segurança na região

Rende motorista e rouba kombi escolar da prefeitura Crimeocorreunaterça(6); veículonão foirecuperado Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

Omotoristadeumakombiescolar da prefeitura levou um susto, na manhã de terça-feira (6), ao ser rendido por um homem armadoeteroveículoroubado. A vítima contou que estava parada em frente ao portão da Escola Municipal Paulo Monteiro Lara, no bairro Charneca, quando o autor a abordou e anunciou o assalto. Durante o

Capelinha

Tentam assaltar soldado da PM Nemuma policial militar escapou da onda de violência em Betim. Segundo a corporação, a soldado Fabiana de Souza Andrade, 29,seguia pela rua Crucilândia, na noite de terça-feira (6), no bairro Capelinha, em um Peugeot 307 quando foi abordada por dois homens, armados, em uma moto. Em seguida, outra dupla, dessa vez, em um Fiat Palio de cor verde, parou o veículo ao lado do dela e anunciou o assalto. Ao perceber que ela era uma policial, o grupo teria começado a atirar e gritado “senta o dedo nela”. No entanto, Fabiana conseguiu correr até a avenida Nova York e pedir a ajuda de policiais militares da Cia. 177ª – responsável pela segurança na região. Após o ocorrido, os assaltantes fugiram. Segundo a PM, poucos minutos depois, ao voltarem ao local do crime, o veículo da vítima ainda estava estacionado na rua. Durante buscas, foi constatado que apenas a bolsa da soldado, contendo diversos documentos pessoais, havia sido roubada. Por sorte, a militar não teve nenhum ferimento. Até a tarde de quinta-feira (8), nenhum suspeito havia sido identificado. (DR)

crime, o suspeito teria pedido que a vítima deixasse a carteira e o celular sobre o banco e saísse pela porta do passageiro. “Foi tudo muito rápido. Estava dentro do veículo, quando, de repente, ele me abordou e me mostrou a arma”, disse. Diariamente, o motorista leva alunos para a instituição. Por sorte, na hora do crime, havia somente eledentro do carro. Além da kombi, foram levados todos os documentos pes-

NELSON BATISTA

soais da vítima e aproximadamente R$ 500 em dinheiro. Até atardedequinta-feira(8),oveículonãohavia sidolocalizado. Por causa do ocorrido, alunos estariam chegando atrasados às aulas. “Agora, apenas uma kombi está transportando osalunoseosprofessores”,contouumfuncionáriodaescola. O funcionário da instituição de ensino também reclama da falta de segurança. Segundo ele, em 2012, uma outra funcionária já havia sido roubada na porta da instituição. Professores pedem a construção de um estacionamento. “A escola não temestacionamento.Osnossos carrostêmqueficarnarua”,res-

Transtorno. Apenas um carro está transportando alunos e funcionários

saltou. A insegurança também se estende a alunos e servidores da Escola Manoel Saturtino de Carvalho, na mesma região. A prefeitura informou que as duas instituições possuem estacionamento para os funcionáriosequeorequerimentorealizadonasecretariafoiainstalaçãodeumportãoeletrônico.“O portão eletrônico para a escola PauloMonteiroLarajáestásendoconfeccionadoedeveserinstalado nas próximas semanas. Já para a Manoel Saturnino de Carvalho,umestudoestásendo realizadoparaviabilizarainstalaçãodoportãoeletrônico”,destacoua nota.


12

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Cidade

Duquede Caxias. Condomínio entregue em 2002 pela Caixa e a prefeitura tem falha de drenagem

MPFajuízaaçãoparaobrigar construtoraarepararprédios FOTOS NELSON BATISTA

Pisodo residencial apresenta rachaduras

São Marcos I e II

Sem data para a entrega das chaves

Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

Denúncias feitas por moradoresdoresidencialDuquedeCaxias, entregue em 2002 pela prefeitura e pela Caixa Econômica Federal (CEF), fizeram com que o Ministério Público Federal(MPF)ingressassecom uma ação civil pública contra a Caixa e a Construtora Jalk Ltda., responsável pela obra. Osproblemas,segundomoradores, começaram a surgir no mesmo ano em que o residencial foi entregue, através doPrograma de Arrendamento Residencial(PAR).A suspeitaé queelestenhamsidocausados pelo fato de o condomínio ter sido construído em uma área onde existe uma mina de água. Com isso, constantemente surgem fissuras no teto e nos azulejos,alémdeinfiltraçõesemofos nas paredes. Os pisos, principalmente os do estacionamento e os dos passeios, também apresentam rachaduras, assim como os muros de divisa e dos fundos do condomínio. “É uma situação humilhante,de descaso ede desrespeito com o ser humano. Comprei o meuapartamentoemmarçode 2002e,logoquepegueiascha-

Risco. Os pisos, principalmente os do estacionamento e dos passeios, apresentam rachaduras e desníveis

ves, já encontrei irregularidades. Os pisos do meu quarto e do banheiro estavam trincados”, lembra a assistente de gestãopúblicaMarlenedaCosta, 50. Ela conta que, após reclamar dos danos para a Caixa,foram feitos reparos que não resolveram o problema. “Foi feita uma ‘maquiagem’. Cerca de dois meses depois as trincas voltaramaaparecernaáreaexterna de todos os blocos”. Para a cuidadora de idosos Cleidiane Aparecida Lima Pereira, 35, o que era um sonho de muitos virou pesadelo. “Quando chove, tenho que colocar baldes nos quartos dos meus filhos, pois entra muita água pelas trincas. Isso tem

causado muito mofo nas paredes. Nosso maior medo é que os prédios desabem”, enfatiza. Já a vendedora Rosiley Domingos, 50, diz que a situação é constrangedora. “A Caixa e a construtora vêm, arrumam, mas os problemas voltam depois. Precisamos de uma solução definitiva. Não podemos ficar com esse prejuízo. Só espero que eles não esperem o prédiocairparatomaralgumaprovidência. A gente vive em total insegurança”, ressaltou. Responsabilidade Para o procurador e autor da ação, Álvaro Ricardo de Souza Cruz,“apesardeosimóveisserem construídos por terceiros, contratadosparaessafinalida-

de específica, a Caixa divide com eles a responsabilidade pela solidez, a segurança e a qualidade de tais imóveis”. “Couberam a eles a aprovação dos projetos e o acompanhamentode suaexecução”,justifica. Ainda segundo o procurador, os arrendatários do PAR caracterizam-se como consumidores, e as construtoras e a Caixa enquadram-se no conceitodefornecedor estabelecido pelo Código de Defesa do Consumidor. A assessoria de imprensa da Caixa não retornou o e-mail encaminhado pela reportagem. Na construtora, com sede em Belo Horizonte, ninguém atendeu às ligações.

Atrasada há mais de um ano, a entregadaschavesaos beneficiários dos apartamentos dos conjuntos habitacionais São Marcos I e II, no Citrolândia, por meio do Minha Casa Minha Vida, deve demorar mais algumas semanas. Isso porque, segundo o gerente da Caixa Econômica Federal (CEF) em Betim, Sérgio Bráulio, engenheiros estiveram visitando o residencial, na última semana, eviram que faltam alguns ajustes, como o reparodealgunsvidros eainstalação de torneiras. Ainda de acordo com Bráu-

lio, faltam a formalização e a confecção dos contratos que serão assinados pelos beneficiários.Mesmoassim,a expectativaéque oSão MarcosIIseja entregue neste mês. “Os beneficiáriosdevemserconvocados a partir da próxima semana”, garantiu o gerente, sem, no entanto, informar a data. “OSãoMarcos Ideveserentregue na primeira quinzena de junho”, completou. Porcausada demoranaentrega das chaves, algumas famílias invadiram um terreno no Sítio Poções para cobrar os apartamentos. (DR) NELSON BATISTA

Sítio Poções. Por causa da demora, famílias invadiram um terreno

MOISÉS SILVA

Habitação

Servidor se queixa de perseguição

Descaso. Os muros do residencial também estão com rachaduras

O auxiliar de topografia da Superintendência Municipal de Habitação de Betim Isaí Ferreira Porto acionou o Ministério Público (MP). Ele acusa os chefesdosetordeperseguiçãoeassédiomoral. Segundoo servidor público, concursado há mais de dez anos, o problema ocorre desde que ele, em abril deste ano, se recusou a investigar possíveis aluguéis, invasões e vendas de imóveisnoResidencialVilaVerde,doprogramaMinhaCasaMinha Vida, no bairro Cruzeiro. A recusa teria ocorrido porque,

emumaoutradata,durantevisita ao empreendimento na companhia de policiais militares e deguardasmunicipais,Portoteriasidoameaçadodemortepor dois homens. “Estava correndo riscos. Além disso, sou auxiliar de topógrafo, e, portanto, esse não era um serviço que cabia a mim”,justifica. Desde então, o servidor reclamadequefoicolocadoàdisposiçãodaDivisãodeDesenvolvimento de Pessoal para ser transferido para outro setor. “Nas últimas semanas, tenho ido à prefeitura para ficar à toa.

‘Injustiça’. Servidor público quer que o MP tome providências

Atéocomputadordaminhamesa eles tiraram. Essa é uma situação constrangedora. Sinto que sou alvo de perseguição e deassédio moral”,diz. A prefeitura informou que Porto foi colocado à disposição

por ter apresentado baixa produtividade nas atividades direcionadas para a sua função, masque ele “jáfoi direcionado, em comum acordo, para trabalhar na Gerência Regional Centro”.(DR)


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Cidade 13

Saúde. Alguns remédios, como para tratar mal de Parkinson, estão em falta há 8 meses

Pacientes ainda se queixam da falta de medicamentos NegativaausuáriosdoSUStemcausadoaindamaisrevoltadesdequeOTempoBetim revelouquegovernorepassouR$43milparaempresárioquemoraemBeloHorizonte JOÃO LÊUS

Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

A notícia de que o ex-secretário municipal de Educação Carlos Abdalla,donodeumagranderede de ensino particular e que mora em Belo Horizonte, recebeuR$ 43.630 emmedicamentoscontinuarepercutindonegativamente entre os betinenses, principalmenteentrefamiliares de pacientes que tiveram negado o fornecimento de remédios pela Secretaria Municipal de Saúde. Esse é o caso de Jonatan Alves,que sofre demal de Parkinson–umadoençadegenerativa do sistema nervoso central que provoca tremores e dificuldade nacoordenação.Háoitomeses, ele tenta conseguir o Prolopa, medicamento que age restaurandoafunçãomotora,noSistema Único de Saúde (SUS). No entanto,Alvezdizquesempreé informado por funcionários das Unidades Básicas de Saúde (UBSs)dacidadedequeomedicamento“está emfalta”. “Quando soube desse caso (do Abdalla), me senti ainda mais motivado a correr atrás dos meus direitos. O Parkinson é uma doença degenerativa, e, comesseremédio,oparkisoniano tem a chance de prolongar as suas atividades normais”, disseoempresário. Por mês, ele consome cinco caixas do medicamento. “Por dia, tomo cinco comprimidos”, conta ele, ao ressaltar que cada pacientetemumtipodeprescrição. “Se não fosse o fato de eu

ter condições de comprar essas caixas, estaria há meses sem o medicamento”, destaca ele, que é empresário. Cada caixa do Prolopa custa cerca de R$ 60. No caso de Alves, são gastosR$300 pormês. “Betim tem vários parkisonianos. No último dia 5, por exemplo, enquanto estava no Centro de Especialidades Divino Braga aguardando atendimento, cerca de 15 pacientes com essa doença compareceramàunidadeembuscadoProlopa”,destaca. Paratentarajudaressaspessoas, Alves está criando a AssociaçãodePortadoresde ParkinsondeBetim.“Queropoderajudar essas pessoas. Graças a Deus, tenho condições de comprar esse remédio. Quem não temsofre muito”,ressalta. Quem também reclama é a dona de casa Jaqueline Cristina Marques de Oliveira. Ela conta que,hámaisdequatromeses,a sua mãe, a aposentada Adélia Lúcia Marques, está sem dois colírios para o tratamento de Glaucoma. “São remédios que minha mãe tem direito de ter, mas, infelizmente, não estamos conseguindopeloSUS”. Por mês, a aposentada gasta cerca de R$ 100 na compra dos colírios. Segundo Jaqueline, o valor tem feito a diferença no orçamento da família. “Minha mãe mora com a minha irmã,queestádesempregada.Essasituaçãoé muito constrangedora”,diz.Em2012,paraconseguir os colírios, Jaqueline acionouo Ministério Público.

Prontuário some em hospital

Glaucoma. A aposentada Adélia Marques não consegue colírios NELSON BATISTA

Familiares de Diego Soares Coelho,25,quesofreuumacidente de moto em agosto do anopassado,nobairroTeresópolis,enfrentamumabatalha: conseguirdarentradanaaposentadoria e no seguro do jovem por Danos Pessoais causadosporVeículosAutomotoresde viaTerrestre(DPVAT). Éque,segundooirmãoda vítima,oserventedepedreiro Felipe Coelho, o prontuário médico de Diego desapareceu há cerca de dois meses nos arquivos do Hospital Regional,unidadeondeeleficou internado. “Sem esse documento, nós não conseguimos dar entrada na aposentadoria domeuirmãonem noDPVAT, que é utilizado para indenizar vítimasdeacidentesdetrânsito”,conta. De acordo com ele, Diego ficou gravemente ferido depoisde bater a moto que pilotava em um caminhão parado. Na época, a vítima foi socorrida por militares. Depois de ficar mais de 90 dias no

hospital e receber alta, Diego foi levado para Governador Valadares, onde mora com a mãe.“Antesdoacidente,meu irmão morava comigo. Mas hojeelenãoanda,nãoconversaeestá cegode umolho”. A prefeitura informou que foi entregue à irmã de Diego umrelatóriocomadatadeadmissão,odiagnósticoiniciale otempoeomotivodainternaçãodopaciente. (DR) JOÃO LÊUS

Descaso. Irmão de Diego Soares solicita o prontuário há 2 meses

Parkinson. Jonatan Alves não encontra o medicamento Prolopa

Atravésdenota,aprefeitura informou que há um déficit do medicamento Prolopa na rede de saúde pública estadual e que a distribuição do mesmo é uma responsabilidade do Esta-

do. Ainda segundo o Executivo, parasanaroproblemanomunicípio, a Secretaria Municipal de Saúde abriu um processo licitatório para comprar o medicamento, no entanto, “o mesmo

não está disponível para venda no mercado brasileiro”, ressaltou. A prefeitura informou aindaquea previsãoé quea distribuição do medicamento para a redepúblicasejafeitanasegun-

da quinzena de maio. Sobre os colírios, o Executivo negou que elesestejamemfaltanarede,já que eles são distribuídos pelo Consórcio Intermunicipal de Saúdedo MédioParaopeba.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

14

Sugestão do leitor

Participe Para participar, basta procurar a redação na rua do Rosário, 182, Angola, ou ligar para o telefone (31) 2517-3900, de segunda a sexta, das 8h às 18h.

Saúde. Sem o equipamento, adolescente depende da ajuda de terceiros para se locomover

Governo estaria ignorando determinação judicial MOISÉS SILVA

Mãedegaroto comdistrofiamusculardiz queJustiça obrigouo Executivoa doaruma cadeiramotorizada Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

Familiares do adolescente João Pedro de Faria, 15, que sofre de distrofiamuscular–doençaque afetaosmúsculos,causandofraqueza–,reclamamdequeaprefeitura estaria descumprindo umadeterminaçãojudicial. Segundo Ana Beatriz de Faria Silva, mãe do garoto, apesar

de a Justiça ter sentenciado, em 2013, que o Executivo deveria entregar uma cadeira de rodas motorizada adaptada para o jovem,elecontinuasemoequipamento. “Desde 2012, quando a doença foi diagnosticada, ele usa uma cadeira de rodas comum, que, infelizmente, não atende às suas necessidades. MesmocomagentetendovencidoessabatalhanaJustiça,opro-

blemanãofoiresolvido”. Elacontaque,emfunçãodisso,ofilhovivelimitado.“Eledepende de alguém para tudo: irà escola,tomar banhoeaté pegar um copo d’água. Infelizmente, meu filho não tem forças nas mãos para girar as rodas de umacadeira comum”. A prefeitura informou que atendeu à determinação do MP e iniciou, ainda em 2013, o pro-

cessodecompradacadeira.Porém, a mãe de João Pedro teria feito alterações no relatório que contém as especificações do equipamento, e, que, após isso, a prefeitura, por meio da Procuradoria Geral do Município, enviou uma petição ao MP solicitando que o juiz defina qual cadeira deve ser comprada. A prefeitura ressaltou que aguarda o pronunciamentodojuiz.

Desespero. Mãe lamenta não conseguir comprar a cadeira para o filho


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Prevenção

Atoorientou sobreos riscosdo tabagismo Dayse Resende cidades@otempobetim.com.br

A Associação Brasileira Comunitária para Prevenção do Uso de Drogas (Abraço), em parceria com a Superintendência Antidrogas de Betim, promoveu uma ação para mobilizar, prevenir e orientar a populaçãosobre osefeitoseasconsequências do uso de substâncias psicoativas, dentre elas, o álcool e o cigarro, na última quinta-feira (8), no centro. Duranteoencontro,osbetinenses puderam participar da “Barraca do Fumante”, onde foram mostrados os incômodos gerados pelo cigarro, as consequências do uso e as soluções para se abandonar essa substância. A barraca foi inspirada na mitologia grega da “Caixa de Pandora”. Ela continha todas as desgraças enviadas à humanidade, como velhice, vício, doenças, pragas, mentiras, dentre outras, restandodentro delaapenas uma ilusória esperança. Além disso, foi disponibilizado um computador com um programanoqualo participante pôde realizar testes que demonstraram aos fumantes o seu grau de dependência física e psicológica. Após a participação no teste, as pessoas foram encaminhadas ao grupo “Parar de Fumar”.

Alterosas

Feira terá agenda dedicada às mães Em comemoração ao Dia das Mães, celebrado neste domingo (11) em todo o país, a tradicionalfeira de artesanatoe alimentação da regional Alterosas terá uma edição especial. Segundo a administração da regional, responsável pela realização do evento, em parceria com a Polícia Militar, a programação começará a partir das 7h. Os visitantes poderão se divertir com a banda da Polícia Militar, o canil da corporação e muita música. Além disso, aqueles que estiverem no local poderão cuidar da saúde. Serão feitos exames oftalmológicos, dentre outros. Durante o evento, as tradicionais barraquinhas irão funcionar normalmente. A feira acontece na rua Campos de Ourique. (DR)

Cidade 15


16

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

17


18

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

19

JOÃO LÊUS

Cultura

Semana dos museus Entre os dias 12 e 18 de maio, Betim participará da 12ª Semana Nacional de Museus. Serão realizados shows e intervenções artísticas no Museu Paulo Araújo Moreira Gontijo. A entrada é gratuita. O museu fica na avenida Governador Valadares, 115, centro. Informações: 3532-2530.

Atrações. Depois de Pedro Lima, o próximo a se apresentar no mall será Eduardo Dussek

Shopping lança projeto com shows gratuitos MonteCarmoirátrazerumavezpormêsapresentações comartistasconhecidosparaanimaropúblicobetinense FOTOS: REPRODUÇÃO INTERNET

Estreia. O primeiro a se apresentar foi Pedro Lima, do ‘The Voice Brasil’

Da Redação cultura@otempobetim.com.br OMonteCarmoShopping,localizado na avenida Marco Túlio Isaac, lançou nesta semana um projeto que vai trazer para o público do centro de compras shows gratuitos de artistas conhecidos nacionalmente. A primeira apresentação aconteceu no último dia 6, quando o shopping recebeu o cantor Pedro Lima, o “Bigode Grosso”, que foi finalista do

programa “The Voice Brasil”. Já no dia 22, quem se apresenta é o cantor, compositor e ator Eduardo Dussek, conhecidopelosseustrabalhosnatelevisãoeporcompor grandessucessos cantados por Ney Matogrosso,MariaAlcina,dentreoutros artistas. No show, Dussek promete relembrar muitos desses clássicos e fazer a plateia dançar com hits como “Rock da Cachorra”, “Barrados no Baile”, “Cabelos Negros” e “Domésti-

Nova atração. Eduardo Dussek se apresentará no shopping no dia 22

ca”. Para o mês que vem, em quesecomemoraoDiadosNamorados, o centro de compras promete fazer uma edição especial do projeto Monte Carmo Cultural, trazendo convidados inéditos. Segundo a gerente de marketingdoshopping,MaíraSantos, a ideia é que o projeto aconteça uma vez por mês a partir de julho. “Será montado umpalcono3ºpiso,ondeacontecerão os shows, às 19h30”.

Nas praças

Teatro de graça até outubro O Grupo de Teatro Circular irá fazer diversas apresentações da peça “O Pavão Misterioso” gratuitas na cidade, através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. A primeira será na praça central do bairro Vianópolis, neste sábado (10), às 16h. A peça conta a história de um casal apaixonado, que viveumromanceproibido.Evangelista é nordestino, e Creuza é uma condessa da Grécia, que vive aprisionada em um quarto, já que seu pai só permiteque elaapareça em público uma vez por ano. Para viver

esse amor, o casal foge em um aeroplano que tem formato de pavão. O espetáculo é narrado com bonecos e músicas ao vivo. Próximas datas A próxima apresentação está prevista para o dia 18, no bairro Citrolândia, às 10h. O grupo teatral também irá levar a peça para as praças dos bairros Cruzeiro do Sul, Bandeirinhas, Bom Retiro, Petrovale, Icaivera, PTB e Jardim das Alterosas até o fim de outubro. Informações: www.grupodeteatrocircular.com.br.

GRUPO DE TEATRO CIRCULAR/DIVULGAÇÃO Apesar de a apresentação sergratuita,oMonteCarmoestará arrecadando um quilo de alimento não perecível em todoosdiasdeshows.Osalimentosserão encaminhados paraa Organização Regional de CombateaoCâncer(Orcca),umaassociação civil de caráter filantrópico criada em 2005 em Betim por profissionais da saúde. Informações, pelo site www.montecarmoshopping. com.br ou pelo telefone (31) 3596-0384. Atração. Peça “O Pavão Misterioso” será apresentada em praças


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

20 Cultura

Laura Medioli Mail: laura@otempo.com.br Fax: (31) 2101-3826 HÉLVIO

Anjos Existem anjos Que descem à Terra Humildemente... Vestidos de gente

E o imensurável amor que irradiam Anjos que não recriminam Não julgam... Apenas compreendem E sabem perdoar

Ganham nomes E, no lugar das asas, Auras coloridas Irradiando vida A quem deles se aproxima Anjos que se casam Formam famílias Geram filhos... Fazem amigos... Nascem para brilhar E distribuir o que têm de melhor:

E quando aqui na Terra Nas grandes dificuldades A tristeza invade Eles aparecem... Com seus sorrisos meigos Suas mãos que acariciam Suas palavras de conforto Suas presenças que aliviam... Anjos são divinos!

A bondade enorme A compreensão

Anjo Glorinha

Agradeço a Deus Por estarmos juntas nesta vida Poder chamá-la de “Mãe” E ser para você Uma filha querida Nunca se esqueça de que nesta passagem E nas próximas que virão Eu e meus irmãos Sempre... eternamente A amaremos muito... Obrigada por ser O anjo que nos guarda! Na semana em que comemoramos o Dia das Mães, dedico este poema à minha mãe, Glorinha, e a todos os “anjos” que, como ela, vivem entre nós.

CasadaCultura. Patrimônio completa 27 anos

Aniversáriocomeça commuitoreggae epeçateatral CelsoMorettiebandaChimarruts são atraçãona sexta;domingo édiadeteatro

CELSO MORETTI/DIVULGAÇÃO

Especial. Celso Moretti é uma das atrações do “Reggae Night”, evento que abre o aniversário da Casa

Da Redação cultura@otempobetim.com.br As comemorações do aniversáriode27anosdaCasadaCultura Josephina Bento, um dos principais patrimônios artísticos e históricosdacidade,seiniciamnestasemana. A programação começa na sexta-feira (9), com um grande showdereggaenoquintaldacasa. No dia, se apresentam o cantorCelso Moretti,um dospioneiros desse estilo musical no Esta-

do, e a banda Chimarruts, a partirdas 20h. Abanda,queédoRioGrande do Sul, emplacou vários hits no país, como “Chapéu de Palha” e “Iemanjá”.ParaMoretti,éumorgulhofazerumshowespecialpara comemorar o aniversário da Casa da Cultura e o Dia do Reggae (11 de maio). “Vamos fazer uma apresentação especial. Então,estamoschamandotodospara ir. Será muito legal tocar com o Chimarruts, uma referência no reggae”.

SegundoaFundação artístico Cultural de Betim(Funarbe), os ingressos já estão esgotados. Apresentação teatral Já no domingo (11), Dia das Mães, a programação do aniversário da Casa da Cultura continuarácomapresentaçãodapeça “GatodeBotas”nolocal,das15h às 17h, e contação de histórias com Bruna Bernardes. A entrada é gratuita. Informações: (31) 3532-2530.

Vale Verde

Jornal sorteia entradas para o Dia das Mães O Tempo Betim sorteou, através da sua fanpage no Facebook, entradas para os leitores poderem curtiroDiadasMãesnoValeVerde Alambique e Parque Ecológico.Ao todo,foramsorteadosoito paresdeentradas.Cadaumdádireito a dois atrativos do parque. Os vencedores são Andréa Baratela,KarineFernandes,VandoRamiciele Ávila, Domingas Nascimento, Indianara Santos, Paloma Baldez, Tania de Paula Souza eLeonardoVargas. O Vale Verde preparou uma programação especial para a data, com exposição de orquídeas, eapresentaçõesdeumcoralede um saxofonista. Informações: (31)3079-9115.


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Cultura 21

Comédia. A famosa atriz Cameron Diaz estrela longa, que estará em exibição na sala 3

‘Mulheres ao Ataque’ é atração no Metropolitan Salasatraíram5.785espectadoresapós aabertura do cinemanoshopping, entre quarta(30)edomingo (4)

Programe-se. Confira os filmes em cartaz em Betim EM CARTAZ

REPRODUÇÃO INTERNET

O ESPETACULAR HOMEM ARANHA 2: A AMEAÇA DE ELECTRO Direção: Marc Webber Sinopse: Peter Parker adora ser o Homem-Aranha, por mais que isso complique as vidas de sua namorada Gwen Stacy e sua tia May. Agora, além de se preocupar com a promessa feita ao pai de Gwen, de que se afastaria dela para protegê-la, ele têm que lidar com um vilão poderoso: Electro (Jamie Foxx).

Da Redação cultura@otempobetim.com.br Após ser inaugurado na última quarta-feira (30), o cinema do Metropolitan Shopping Betim já recebeu 5.785 espectadores.Olonga“OEspetacularHomem-Aranha 2: A Ameaça de Electro” foi o mais procurado pelo público betinense. O filme foi exibido inclusive na sala XD, que tem a potência e a telamaioresque asconvencionais. A estreia desta semana no Metropolitanéacomédiaamericana “Mulheres ao Ataque”, estrelada por Cameron Diaz. O longa conta a história de três mulheres que se unem após descobrirem que têm algo em comum: o mesmo homem. QuandoajovemCarlyWhitten (Cameron Diaz) conhece Mark (Nikolaj Coster-Waldau), ela sente-se certa de que encontrou o homem perfeito: rico, bonito e romântico. O problema é que ela descobre que seu namorado é casado com outra mulher. Tentando se recompor, ela acidentalmente conhece a esposa dele: Kate (Leslie Mann). Carly, então, propõe que elas se vinguem. A situação fica ainda pior quando elas descobrem que uma terceira mulher, Amber (Kate Upton), está envolvida. O trio resolve se juntar para dar uma lição daquela no namorado–marido. Ofilmeserá exibido nasala Metropolitan 3, às 13h10, 15h40, 18h10 e 20h40.

Betim 1: 15h, 18h e 20h45 Metropolitan 1 (3D): 11h40*, 14h50, 18h,21h10 Metropolitan 2 (3D): 12h50, 15h50, 19h e 22h10 Metropolitan 6 (3D): 11h*, 14h10, 17h10, 20h20

História. Carly (Cameron Diaz) se une a duas mulheres enganadas pelo ex-namorado para se vingarem

Confira o valor dos ingressos Ospreços dos ingressos para os cinemas em Betim variam de acordo com o shopping. O público agora pode escolher além do filme, onde quer assistir e o valor do ingresso que deseja pagar. No Metropolitan, onde o número de salas é maior, o públicopode optar porassistiraosfilmesemsalascomtelas 2D,3D ou XD, que tem a

tela maior. Os valores são variados.Paraocinemacomatela normal por exemplo, o ingresso custa R$ 21 nos fins de semana.Nas salas 3D eXD/2D, os preços variam entre R$ 21, nas segundas e terça-feiras, R$ 13, nas quarta-feiras, e R$ 25 de quinta a domingo. Para as salas com o sistema XD/3D, o preço é R$ 28, nos fins de semana, R$ 24, du-

rante a semana, e R$ 16 na quarta-feira. NoBetim Shopping, a promoção“TerçaIrresistivel”permite que o público assista a qualquerfilme porR$ 7(inteira) e R$ 3,50 (meia-entrada) àsterça.De segundaà quinta, o valor é R$ 8 até 17h e, após esse horário, R$ 10. Nos fins de semana e feriados, os ingressoscustamR$ 12.

CAPITÃO AMÉRICA 2: SOLDADO INVERNAL Direção. Anthonny Russo. Sinopse: Steve Rogers vive tranquilamente em Nova York. Entretanto, após um colega de trabalho dele ser atacado, ele tem que enfrentar um novo inimigo: o Soldado Invernal. Betim 2: 15h35 e 20h50. Metropolitan 5: 13h40, 16h40 e 22h20

NOÉ Direção. Darren Aronofsky. Sinopse: Noé vive com a sua família em uma terra onde reina a violência. Um dia, o Criador lhe dá a tarefa de construir uma imensa arca, que abrigará os animais em alto-mar durante um dilúvio. Betim 2: 13h e 18h10. Metropolitan 4 (3D): 12h30, 15h30, 18h30 e 21h30

RIO 2 Direção. Carlos Saldanha. Sinopse: A arara-azul Blue e sua família vão para a Amazônia. Ao tentar se adaptar com os novos vizinhos, Blue se preocupa com a possibilidade de perder a família para o mundo selvagem. Betim 3: 14h30 nos dias 10 e 11. Nos demais dias, será exibido o Copa de Elite nesse horário. Metropolitan 5: 12h*,14h20, 19h50

DIVERGENTE Direção: Neil Burger. Sinopse: Chicago está dividida em diferentes facções, e Beatrice tem que enfrentar vários dilemas após optar por uma facção totalmente diferente da que a sua família escolheu. Metropolitan 7: 16h20 e 21h50

COPA DE ELITE Direção: Vitor Brant. Sinopse: O policial do BOP Jorge Capitão é um ídolo brasileiro. Só que, depois de evitar um sequestro ao maior craque argentino, às vésperas da Copa, acaba virando o inimigo público da nação. Expulso, o capitão precisa reaprender a trabalhar em equipe para salvar o Papa. Betim 3: 14h30 e 18h20. Metropolitan 7: 11h30*, 14h e 19h20.

INATIVIDADE PARANORMAL 2 Direção. Michael Tiddes. Sinopse: Malcolm vai morar com a namorada Kisha. Animado, ele resolve filmar tudo, mas não imaginava que um hóspede-fantasma começaria a aprontar. Betim 3: 16h30 e 20h20. * Sessões exibidas nos dias 10 e 11


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

22 Cultura Programe-se. Confira a programação dos bares TERRAZZO GOURMERT Avenida Juscelino Kubitschek , 575, centro Tel.: 3532-1860 Sexta: Marcio Júnior (moda de viola), às 20h Couvert: R$ 5 Sábado: Rodrigo Sambista, às 20h Couvert: R$ 5 BAR CULTURAL PORTAS DA PERCEPÇÃO Rua Cícero Rabelo de Vasconcelos, s/n, Bueno Franco Tel.: (31) 9907-0565 Sexta: Tangerine, a partir das 21h Entrada: R$ 13 Sábado: Ossos do banquete (hard rock) e Ramones (Iron Maiden cover), às 21h Entrada: R$ 5

USINA CHOPERIA Avenida Nossa Senhora do Carmo,739, Centro Tel.: (31) 3544-9200 Sexta: Eduardo Caetano (pop rock), a partir das 21h Couvert: R$ 3,50 Sábado:Tato Moraes (MPB), às 21h Couvert: R$ 3,50 QUATRO CANTOS Rua Inspetor Jaime Caldeira, 457, Brasileia Tel.: 3532-3290 Sexta: Guida e Rodrigo (sertanejo), a partir das 19h30 Entrada: R$ 5 Sábado: Ruy Marchi (acústico), a partir das 19h Entrada: R$ 5 Domingo: Eu Mesmo e Irene (pop), a partir das 15h30

Bares. Evento acontece no sábado (10), a partir das 21h

Festa do chapéu vai agitar o Arrasta-pé Nasexta (9),ogrupo DaqueleJeito faz show especialdeaniversário

REPRODUÇÃO INTERNET

REPRODUÇÃO/INTERNET

Da Redação cultura@otempobetim.com.br

Quareo Cantos. Ruy Marchi se apresenta no sábado, às 21h

Opúblicobetinensepoderácurtir uma programação variada nestefim de semana nacasa de showsArrasta-pé,quevaidopagodeaosertanejo. Na sexta-feira (9), a casa recebeogrupoDaquele Jeito,que faráum showde pagode em comemoração aos seus três anos de carreira, a partir das 21h. Muitoconhecidoporqueméfrequentador assíduo da casa, o grupo que foi formado em Betim, promete agitar a noite. Para animar ainda mais a festa, a duplasertanejaRodrigo&Rena-

tofará aabertura doevento. Além das atrações principais, os grupos 5 Elementos, Samba do Bosque e Raça Brasileira farão participações especiais. Jánosábado(10),acasa vai realizar a “Festa do Chapéu”, com shows da dupla Edson & Anderson e Jota Lenon, a partir das21h. OArrasta-péaindaofereceumapromoçãoimperdível. As duzentas primeiras pessoas que chegarem ao local ganharãoumchapéudebrinde.Osvalores da entrada não foram divulgados. O Arrasta-pé fica na rua Capela Nova, 431, no Betim Industrial.Inf:(31)3592-3738

Show. Edson & Anderson são atração da “Festa do Chapéu”


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Restaurantes TCHÁ TCHÁ TCHÁ Avenida Amazonas, 1.395, centro Tel.: 3531.1092 Comida mineira Segunda a sábado: 8h às 21h Média de preço: R$ 9,50 A MASSA PIZZARIA Rua do Rosario, 655, Angola Tel.: 3532-2321 Pizzas, massas e grelhados. Terça a domingo: das 18h às 24h Média de preço: R$ 20 a R$ 40 PETIT CREPE Praça Milton Campos, 28, centro Tel.: 3059-3023 Crepes doces e salgados. Diariamente: 11h às 23h Média de preço: R$ 10 a R$ 12

Entretenimento 23 Doce. Delícia rende 4 porções

Faça um estrogonofe de chocolate Paraincrementar, vocêpode pôr nozespicadas sobrea cobertura REPRODUÇÃO INTERNET

PONTO DO CHURRASCO Alameda Maria Turíbia de Jesus, 85, centro Tel.: 3532.3023 Churrasco à la carte e porções Terça a sexta: 17h30 à 1h Sábados e domingos: 11h30 às 14h30 (almoço) Média de preço: R$ 15 RESTAURANTE DORNAS Avenida Amazonas, 2.252 Brasileia Tel.: 3531.5872 Todos os dias, mais de 80 pratos quentes e frios Segunda a sexta: 11h às 14h30 Sábados e domingos: 11h às 15h30 Média de preço: R$ 1,99 a R$ 2,49 a cada 100g BAR E RESTAURANTE ESTRADA REAL Av. Edmeia Matos Lazzarottti, 3.810, Espírito Santo Tel.: 3023-4340 Caldos, tropeiro, porções, sanduíches e self-service Terça a sábado: 16h às 23h Domingo: 12h às 20h30 Média de preço: R$ 18 a R$ 36 (kg) COZINHA MINEIRA

Saboroso. Doce é um dos favoritos da leitora Lúcia Helena Brunelli

Ingredientes

Modo de preparo

8 ovos; 1 barra de chocolate ao leite (170 gr.) picada; 300 gr. de nozes picada; 3 copos (americano) de leite; 7colheres(sopa)de chocolate em pó; 200 gr. de uva-passa; 1 lata de leite condensado; 1 lata de creme de leite; 2 colheres (sopa) de amido de milho; 1 colher (sopa) de manteiga.

Separe as claras das gemas. Para a cobertura, misture a barra de chocolate picada, as nozes, a uva-passa, o creme de leite, as claras em neve, reserveeleveaofogo.Noliquidificador, misture o leite, o amido de milho e o chocolate em pó. Em uma panela, peneire as gemas, coloque a mistura do liquidificador, a manteiga e o leite condensado. Leve ao fogo mexendo até engrossar. Deixeesfriarpormeiahorana geladeira, e depois coloque a cobertura.Levepara gelar.

Avenida Amazonas, 470, 2º andar, centro Tel.: 2571-0470 Comida mineira (self-service). Serve jantar das 18h às 20h30. Segunda a domingo: 11h às 15h Média de preço: R$ 15,90 (kg) PORTEIRA VELHA BR 381, KM 479, PTB Tel.: 3592.3600 Comida mineira (self-service) Diariamente: 8h às 18h Média de preço: R$ 20 a R$ 24 RANCHO ALEGRE Rodovia dos Bandeirantes, 1.830, Bandeirinhas Tel.: 3592.7466 Comida mineira (self-service) De terça a sexta: 11h às 15h Sábados, domingos e feriados: 11h às 17h Média de preço: R$ 23 ALCACHOFRA Praça do Brasileia, 20, Brasileia Tel.: 3596.0124 Segunda a sexta: self-service Sábado: pratos especiais Todas as noites e domingo: culinária italiana e pizza Média de preço: R$ 12 a R$ 50 SPLENDORE Av. Governador Valadares, esquina com praça Milton Campos, centro Tel.: 3532.4829 Comida italiana (à la carte) Segunda a sábado: 11h às 23h30 Domingos: 11h às 16h Média de preço: R$ 9,50 a R$ 79

Horóscopo EÁries

21/3 A 20/4

YCâncer

21/6 A 20/7

OLibra

23/9 A 22/10

3 Capricórnio

22/12 A 20/1

Pode acreditar que quanto mais você escutar o que falam, mais ganhará com isso. Deixe de ser teimoso e ouça os amigos. Não deixe que o clima de ansiedade no trabalho contamine sua vida como um todo.

Use sua capacidade criativa de forma positiva e sem medo de errar. Planeje algo novo e não perca seu tempo. Saiba que é necessário viver intensamente. Procure relaxar se a sua ansiedade ficar muito alta.

É muito fácil ficar pensando em trabalho e esquecer do resto da vida. Principalmente quando a carreira vai bem. Mas cuidado, quando você mesmo esperar,outras coisasimportantesaparecerão.

Provavelmente você tem sido polida, cordataediplomáticaem seusdiscursos etambém em suaprática,há muito e muitos anos. Agora precisa mudare não sabecomo. Aprendaa dizer “não” e seja feliz.

ETouro

ULeão

PEscorpião

QAquário

21/4 A 20/5

21/7 A 22/8

23/10 A 21/11

21/1 A 19/2

Não tenha receio de procurar as respostas que está precisando encaixar naquele número sem fim de questionamentos. Vale lembrar que “errar é humano” , nem tudo o que você já sabe está correto. Vá em frente.

Chegoua horade mostrar o novoprojeto que estava na gaveta, expor suas idéias originais, guardadas há muito tempo na cabeça. Não deixe passar essa chance. Seja clara com seus objetivos.

Mantenha seu radar ligado: há algo de mágico no ar e você não pode perder as chances que com certeza aparecerão.Nada de deixar perguntas sem respostas, situações duvidosas sem soluções.

Se o idealismo não for bem aplicado, vocêcorre orisco de podeparecer sonhadora, meio fora da realidade. Alguém não muito confiável por ter ideias avançadas demais para o seu tempo.

EGêmeos

IVirgem

{Sagitário

WPeixes

21/5 A 20/6

Procurar o autoconhecimento como um caminho para melhorar sua vida, não é bobagem não. Procure um caminho para melhorar sua auto-estima e autoconfiança, que o restante acontecerá.

23/8 A 22/9

Ficar sonhando à toa é muito gostoso e até pode fazer bem. Mas muito cuidado com os excessos, para não ficar fora da realidade. Ponha os pés nos chão e procure realizar parte desses sonhos.

22/11 A 21/12

Sua grande aprendizagem, neste momento, é não usar a sensibilidade para controlar as pessoas, mas procurando ensinar, usando sua capacidade “professoral” para ajudar as pessoas.

20/2 A 20/3

Você necessitabuscar oautoconhecimento, uma filosofia de vida própria, revendo seu conjunto de crenças e suas “verdades” interiores. O que vai lhe trazer maior segurança para tomar decisões com rapidez.


24

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

25

Sociedade

Giselle Normand giselle.normand@otempobetim.com.br

ARQUIVO PESSOAL

J Toda fofa. Mariana Faria, filha de Andrezza e Maurilio Antônio Faria, completa 1 aninho de vida no próximo sábado (10)

FOTOS: GISELLE NORMAND

J Em festa. A empresária Odaísa Bueno, junto à filha, Ana Luiza, e o namorado dela, Thiago Kjellin, durante evento no Vale Verde Parque Ecológico.

J Cobertura. A assessora de imprensa Rafaela Angeli e a relações-públicas Cibele Fonseca, da PUC-Betim, durante evento na sede da CDL

Curtas e finas

J Evento. A CDL firmou uma parceria com a PUC Betim, na última quarta-feira (7), para a realização de um diagnóstico econômico empresarial da cidade. Na foto, os palestrantes e professores da PUC Osvaldo de Oliveira, Walter Tedeschi e Sandro Laudares, com o presidente da CDL Betim, José Barboza (segundo da direita para a esquerda)

1 Assim como outros tantos empresários,RomeuZema,donodafamosa rede de eletrodomésticos Zema, culpa o excesso de burocracia pelo atrasonaliberaçãodaslicenças necessárias para o início das operações do novo centro de distribuição da empresa, localizado em Betim, ao lado da Refinaria Gabriel Passos. Pronta há quase um ano, a unidade deve substituir a atual, que é alugada, mas ainda não começou a funcionar. O empreendimentocontoucominvestimentode R$ 26 milhões, financiado com recursospróprios etambémdadistri-

buidoraRioBranco,parceiranaempreitada. Mas, com a demora e toda essa burocracia, a empresa já calcula uma série de prejuízos. 1 Na contramão da Zema, a rede de supermercados Superluna já estuda para o próximo semestre a inauguração do Centro de Distribuição da rede, no Bandeirinhas, que está com as obras avançadas. O local vai reduzir o tempo de carga e descarga nas ruas no entorno das suas unidades,situadasnocentro,desafogando o trânsito e facilitando a distribuição dos produtos.

1O“Inhotim emCena2014”estendeu sua programação cultural até outubro, sempre nos fins de semana.Alémdasapresentações deteatro, o palco montado aos pés da árvoretamboril, principalcenáriopara os grandes shows do instituto, receberá nas suas próximas edições nomes importantes da música,comoYamanduCosta, opercussionista Naná Vasconcelos, a OrquestraSinfônicade MG,a Orquestra Filarmônica, o cantor Lenine, a Companhia de Dança do Palácio das Artes e o circuito Caminho das Artes.


26

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

27


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

28

VINÍCIUS COSTA/ESTADÃO

Esportes

“Uns estão pensando na seleção do Brasil, outros, na Argentina, em si mesmos, ou nem aí.” Levir Culpi - técnico do Atlético, avaliando que falta foco ao grupo do Galo

Veteranos. No outro jogo da semifinal, a Ponte Preta empatou em 1 a 1 com o Vernópolis

São Luiz vence e fica a um empate da grande final JOSÉ RESENDE/DIVULGAÇÃO

Em casa,equipe verde fez1a 0no Internacional Evandro Teles esportes@otempobetim.com.br

OSão Luiz deuum grandepassorumo à decisão do Campeonato de Veteranos de Futebol, após vencer o Internacional, em casa, por 1 a 0. O gol da vitóriafoi marcado pelo volanteDélcio, aos 13min dosegundo tempo. Na partida de volta, neste

sábado (10), às 16h, no campodo Laranjeiras, o Verdãojoga pelo empate para avançar àgrandefinal.JáoColoradojoga por uma vitória por dois gols de diferença. Caso vença pelo placar mínimo, a decisão vai para os pênaltis. O jogo de ida da outra semifinal do torneio foi marcado pelo equilíbrio. Ponte Preta e Vernópolis empataram por 1 a

Superação. Após eliminar o forte Cruzeirinho, o São Luiz luta por uma vaga na final com o Internacional

1 e deixaram a decisão da vaga para o jogo de volta, também neste sábado (10), às 16h, no campo do Vianópolis. Representante do bairro Jardim Petrópolis na competição, a Ponte Preta é comandadapelotécnicoGoiano. Aequipe alvinegra atua com o seguinte time base: Gilmar, Chicão, Gil, Jerry, Topete; Wagner, Léo, Dinho; Tião, Sandro, Anselmo, Caio, Aldemar e Valdebaldo. O torneio, um dos mais tradicionais da cidade, é promovido pela Liga de Desportos de Betim (LDB).


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

Esportes 29

Corujão. Time do Citrolândia encara a Ferroviária, de BH

Renascença vai às quartas de final RENASCENÇA/DIVULGAÇÃO

Jogoseránestaterça-feira (13),às20h30,noReuminas Evandro Teles esportes@otempobetim.com.br

O Renascença mantém o sonhodeconquistarobicampeonato do Torneio Corujão, competição organizada pela TV Globo Minas. Na última terçafeira (6), o time do Citrolândia bateuo Igarapé por 3 a 0 e terminou a primeira fase com 100% de aproveitamento. A equipe verde e branca encara nasquartasde finalaFerroviária, de Belo Horizonte, nesta terça-feira (13), às 20h30, no campo do Reuminas, na Colônia Santa Isabel. Na primeira fase, o Renascença mostrou força e venceu

o Ideal, de Ibirité, por 2 a 1. No segundo jogo, nova vitória, dessa vez, sobre o Juatuba, por 4 a 1. Na última partida, o time fez 3 a 0 no Igarapé, com gols de Jorginho, Peterson e Maciel. O técnico Edmar Fernandes confia na classificação às semifinais. “Vamos pegar um adversário difícil, mas confiamos no nosso time. Nosso objetivo é buscar o bicampeonato do Corujão, já que faturamos o título em 2012”. Confira os outros confrontosdas quartasdefinal: Inconfidência x Brumadinho, Verona Itamarati x Mocambeiro, e Estrela x Felicidade.

Classista

Romachega à fase semifinalde torneio O Roma Futebol Clube segue sua luta em busca do Torneio Classista de Futebol. No domingo (4), o time betinense venceu o Atlético de Antunes, em Igaratinga, por 3 a 0, e garantiu vaga na fase semifinal da competição. Os gols foram marcados por Wilson, Marquinho e Fabrício. Comandado pelo técnico Biel, o Roma venceu com Da-

ni, Andinho, Tuquinha, Thiago, Roberto, Wilson, Marquinho, Daniel, Careca, Luiz, Fabrício, Gugu, Renan, Valdecir e Patola. O time betinense encara na semifinal o Betel, de Juatuba, em partida marcada para o dia 18 de maio, no campo do adversário. A outra semifinal terá CAP de Pompéu x Ideal. (ET)

Segundona

Próxima rodada só no dia 18 de maio

Sonho. Jogadores do Renascença querem repetir feito de 2012

A Liga de Desportos de Betim (LDB)adiouos jogosda segunda rodada do Campeonato Betinense da Série B para o dia 18 de maio, devido ao feriado do Dia das Mães. Aprimeira rodada,disputadanodia 4 de maio, foi marcadapor uma boa média de gols. Em 16 confrontos, as redes foram balançadas 49 vezes, o

que deu uma média de três tentos por partida. Umdos destaquesdarodada de abertura foi o atual campeão da Série C, o Leopoldinense. Em duelo realizado no campo do Marimbá, o novato dasegundona venceuo Guarani por 2 a 0 e conquistou os seus três primeiros pontos no campeonato da Série B. (ET)


30

O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

31

Óbitos, condolências, editais, atas e balanços


O TEMPO BETIM 9 a 15 de maio de 2014

32 Esportes

Data. Realização de Copa do Mundo comprometeu datas

CopaCDL deKart é adiadapara julho

Mundial

Sada e Al-Rayyan lutam pela decisão RONALDO SILVEIRA/DIVULGAÇÃO

RONALDO SILVEIRA/DIVULGAÇÃO

Inscrições continuam abertas aoslojistas

Raça. Sada Cruzeiro quer superar time do Catar para buscar o bi

Evandro Teles esportes@otempobetim.com.br

A abertura da 6ª edição da Copa CDL O Tempo Betim de Kart, que aconteceria neste mês de maio, foi adiada para o dia 15 de julho deste ano. A mudança,segundoo presidente daCâmara de DirigentesLojistas(CDL) deBetim, JoséBarboza, se deve à dificuldade de adequação do calendário de etapas da competição com o período da Copa do Mundo da Fifa. “Muitos pilotos não conseguiriam conciliar as datas,

Velocidade. Os motores da Copa CDL voltam a ‘roncar’ no dia 15 de julho, no Kartódromo Internacional

porisso,optamospelamudança”, explica. As inscrições dos lojistas que quiserem participar da disputa, seja na categoria Superkart ou na Light, continuam abertas e podem ser fei-

tas na sede da CDL Betim (rua Vicência Maria de Jesus, 375, bairro Jardim da Cidade) ou no Kartódromo Internacional de Betim. Os preços continuam os mesmos da temporada passada.

Aexpectativaéqueapróxima disputa tenha a participação de 60 pilotos nas duas categorias. Algumas mudanças no regulamento foram feitas, para deixar a competição ainda mais justa.

O Sada Cruzeiro encara o AlRayyan, do Catar, nesta sextafeira (9), em busca da vaga à grande final do Mundial de Clubes de Vôlei, disputado no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte. O time celeste, que ficou em segundo lugar na primeira fase, após derrota por 3 sets a 1 para o Belogorie Belgorod, da Rússia, treinou forte nessa quinta-feira(8) para tentar superar mais um difícil adversário. “Contra os russos, fizemos um bom jogo, e, para nós, ser-

viu de preparação para as semifinais. É um clube europeu, umaoutra escoladevôlei.Agora, temos que pensar primeiro nas semifinais, para estarmos preparados. Os adversários têm um saque diferente, mas temos que manter nossa filosofia e melhorar o nosso próprio saque para chegarmos bem à final”, destacou o técnico Marcelo Mendez. Na outra semifinal, o confronto será entre os russos do BelogorieBelgorode os argentinos do UPCN. (ET)


O Tempo Betim - Sex, 09/05/2014