Page 1

Esporte. Pedal em prol da doação de sangue será no domingo. Página 24

IPTU. Desconto de 10% vence na próxima quarta (20). Página 7 RONALDO SILVEIRA/ARQUIVO

Betim

15 a 21 de março de 2019 Ano XLIV - Número 1857 - - www.otempobetim.com.br

César Menotti e Fabiano tocarão hits do novo DVD.

Tiragem desta edição: 45.000 exemplares

Página 15

REPRODUÇÃO INTERNET

Prime

RONALDO SILVEIRA

Grave. Dejetos voltaram a poluir o Saraiva e afluente da Várzea

Copasa volta a lançar esgoto sem tratar em córregos da cidade Prefeitura já havia multado a estatal em R$ 2,2 milhões por poluição, em 2018, mas empresa recorreu e não pagou valor

Icaivera. Estação da Copasa lança esgoto no córrego Água Suja

A Copasa foi flagrada, nesta semana, lançando novamente esgoto sem tratamento em dois córregos da cidade. A estatal já havia sido multada, em agosto do ano passado, em R$ 2,2 milhões pela Prefei-

tura de Betim, após a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável constatar, em fiscalizações ambientais, a poluição no rio Betim e em outros três cursos d’água do município.

Mas a Copasa, além de entrar com mandado de segurança na Justiça para não pagar a multa, agora voltou a lançar dejetos em dois desses córregos, causando novos danos ambientais a esses locais. Os

casos de poluição foram flagrados nesta quinta-feira (14) no córrego Água Suja, que atravessa o Icaivera e contribui com o abastecimento da represa Várzea das Flores, e no córrego Saraiva. Página 9

PREFEITURA DE BETIM/DIVULGAÇÃO

Procon

Neste sábado

Mês do Rim

Mutirão renegocia dívidas de betinenses

Mais duas creches serão lançadas

Vagas na hemodiálise dobram em um ano

Na Semana do Consumidor, o Procon realiza até esta sexta-feira (15) um mutirão de renegociação de dívidas, que já atendeu 497 pessoas. Em 60% dos casos, houve acordo. Página 6

A prefeitura fará o lançamento de mais dois centros infantis na cidade: no bairro Cidade Verde, às 9h, e no conjunto Celso Alves, às 11h. Obras serão feitas com recurso federal. Página 3

Balanço divulgado no Mês Mundial do Rim mostra que o número de vagas na hemodiálise do Hospital Regional quase duplicou em um ano, passando de 227 para 427. Página 10

Dengue. Casos de notificações da doença já chegam a 8.192. A prefeitura tem feito mutirão de limpeza, fumacê e outras ações, mas pede o apoio da população, já que 80% dos focos estão nas casas. Página 10


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Opinião

2

Tempo Bom

Vittorio Medioli vittorio.medioli@otempo.com.br Fax: (31) 2101-3903

Tempo bom para os agen-

Ford ensina erca de 2.400 trabalhadores em São Bernardo do Campo, no ABC da Grande São Paulo, foram dispensados com o fechamento da unidade fabril da montadora Ford Motor Company do Brasil. A fábrica foi inaugurada em 1967 com a produção do modelo majestoso Galaxy. Durante 52 anos, marcou um portentoso desenvolvimento local. Teve entre seus empregados nada menos que um metalúrgico erguido pelo voto popular ao cargo máximo da República. Foi palco de greves históricas, paralisações de até 40 dias, que redundaram em ganhos expressivos para os trabalhadores e modificaram as leis nacionais. O crescimento e o sucesso foram bons enquanto duraram. Agora, o que se aguarda para muito em breve é a inatividade, isso para a estupefação de quem nunca imaginou esse desfecho. A cidade paulista perde uma das mais antigas e prestigiosas fábricas, de onde saíram milhões de veículos dos modelos Rural, Corcel, Mawerick, Escort, Del Rey, Fiesta, Belina, F-1000 e caminhões de variada potência. O que levou a essa decisão drástica? Nunca será dita ou compreendida toda a verdade, nem serão revelados todos os detalhes, mas não paira dúvida de que não foram os bons resultados econômicos nem a alta competitividade da produção dessa fábrica. O cordão que segurava a Ford a São Bernardo do Campo arrebentou como costuma acontecer com empresas americanas que possuem milhares de acionistas que se valem da lógica espartana do rendimento. Dá, deu; não dá, caímos fora. Não existe romantismo, negociação, afeição, laço, sentimento. A calculadora e os números falam no lugar da melhor filosofia. Isso ocorreu no Estado que é o maior consumidor de veículos do país – cerca de 40% da produção nacional é comercializada em

C

Contraponto

São Paulo. A fábrica é próxima da cadeia de fornecedores, possui um manancial de mão de obra altamente especializada, uma infraestrutura invejável. Decidiu-se na Ford chutar o pau da barraca, encerrar a fabricação de caminhões na América Latina para concentrar as atividades na produção de carros leves a partir da planta de Camaçari, na Bahia, inaugurada em 12.10.2001. A diferença “numerológica” que determinou a escolha está certamente nos incentivos fiscais concedidos no Nordeste para a produção de veículos. Um carro vendido por R$ 60 mil possui, ao sair de uma fábrica do Nordeste, uma vantagem tributária de R$ 14 mil em comparação com o equivalente produzido em São Bernardo; se calcularmos para um veículo de R$ 130 mil, tem-se R$ 35 mil de diferença. Não para por aí, a mão de obra por lá é quase a metade, IPTU e outros impostos locais são apenas 20% dos correspondentes paulistas. A agressividade na luta por sediar uma montadora foi adotada no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e Goiás. Minas ficou de braços cruzados, como se diz no interior, sentada na “carne seca”. Dessa forma, o ABC paulista, que sediou 100% da produção automotiva nacional no início da década de 70, está desaparecendo do mapa automotivo, conservando as linhas de apenas alguns modelos. Se hoje o ABC parasse por completo, não haveria qualquer transtorno no Brasil, uma greve geral por lá não mudaria nada, como já mudou no passado. Produzir na ex-capital da indústria automotiva se tornou inviável, pelos altos custos e falta de competividade. É isso que a Ford diz. Os imensos restaurantes, alguns como o São Francisco, com até 3.000 assentos, que viviam abarrotados nos almoços na década de 90 na avenida De Marchi, fecharam as portas.

O espaço das indústrias foi tomado por conjuntos habitacionais de uma população de baixa renda atraída pela fama de “Eldorado”. Em Minas Gerais, em escala menor, temos o ex-poderoso município de Betim, que em certo momento fornecia ao Brasil um carro a cada quatro comercializados; caiu para um carro a cada 12, num mercado que encolheu 30% em relação a 2014. Sofre do mesmo mal de São Bernardo, quando Lula levou a expansão da Fiat para a terra natal dele, com incentivos e financiamentos, no último ato de seus oito anos de governo, exatamente em 28 de dezembro de 2010. Com o início da produção, em 2015, em Pernambuco e a queda do mercado, Betim perdeu a produção de 2.000 veículos por dia, ou 60% de quanto produziu nos melhores momentos. O resultado para o município: esvaziamento de atividades econômicas, perda de renda pública, saída de fornecedores, queda abrupta no comércio local. Disso vêm o desemprego e a precarização de bairros que viviam em consequência do movimento acelerado. Impactou uma perda na divisão do bolo do ICMS destinado aos municípios, de 9,74% em 2012 para 5,96% em 2019. Cada ponto representa em 2019 um valor de R$ 130 milhões por ano. Betim perde assim, neste ano, R$ 490 milhões em ICMS, e enfrentou uma expressiva migração de novos usuários no sistema municipal de saúde e de educação. Minas Gerais se transformou num Estado burocrático, caro, lerdo, desatualizado, endividado, inadimplente e decadente. Ausente no debate nacional e abusado por ataques internos e externos. O fenômeno Ford deve abrir os olhos de todos e mostrar que sem competitividade e, sobretudo, sem defesa do patrimônio estadual, sem voz no Congresso, suas atividades produtivas caminham para a catástrofe.

Sobre o balanço, divulgado pelo Estado, do superávit de R$ 4 bi em dois meses, devendo R$ 1 bi em repasses aos municípios

Y… “É um mal-entendido técnico. O Estado tem um déficit. A diferença entre receita e despesa mensal neste momento é de R$ 1 bi. A dívida a curto prazo é quase R$ 40 bi.” Custódio Mattos, sec. Governo

SEMPRE E D I T O R A

Betim

Tempo bom para os contribuintes betinenses. Na semana do consumidor, o Procon de Betim realizou um mutirão de renegociação de dívidas, ajudando aproximadamente 500 contribuintes. Segundo o Procon, em cerca de 60% dos casos atendidos, houve acordos fechados. O mutirão termina nesta sexta-feira (15).

Tempo bom para a educação infantil. A prefeitura fará o lançamento de duas creches neste sábado (16), no bairro Cidade Verde e no conjunto Celso Alves Pedrosa.

Tempo Ruim Tempo ruim para a Copasa, que foi novamente flagrada poluindo dois cursos d’água da cidade. Os casos de poluição aconteceram no córrego Água Suja, que atravessa o bairro Icaivera e contribui com o abastecimento da lagoa Várzea das Flores, e no córrego Saraiva, no Residencial Lagoa. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente já tinha multado a Copasa em R$ 2,2 milhões por poluir esses e outros dois cursos d’água da cidade, mas a estatal recorreu para não pagar a multa.

Tempo ruim para o aumen-

“Temos a prova de que o governo não paga porque não quer. Está descumprindo a lei. Ele está tendo superávit, fazendo caixa com dinheiro dos municípios.” Julvan Lacerda, pres. da AMM

to dos casos de dengue. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, já são 8.192 notificações da doença, sendo 2.380 registros confirmados. A morte de uma idosa em decorrência da dengue também foi confirmada. A maioria dos casos encontra-se nas residências. Por isso, a prefeitura pede o apoio da população, além de realizar ações, como mutirão de limpeza e aplicação de fumacê nas regiões com maior incidência.

2…

PRESIDENTE DIRETOR EXECUTIVO FUNDADOR Heron Guimarães Vittorio Medioli Laura Medioli FILIADO À ANJ Associação Nacional de Jornais www.anj.org.br

tes comunitários de saúde e agentes de combate a endemias, que receberão novo piso salarial. A Câmara Municipal aprovou projeto de lei enviado pela prefeitura, que estabelece a remuneração de R$ 1.250 para os agentes, igualando o salário deles ao estabelecido pelo piso nacional da categoria.

AUDITADO POR

EDIÇÃO: Flávia Jardim REPORTAGEM E REDAÇÃO: José Augusto Alves e Lisley Alvarenga DIAGRAMAÇÃO E ARTES: André Luiz Barros Silva e Kelly Quintiliano Chaves FOTOGRAFIA: João Lêus e Ronaldo Silveira COMERCIAL: Renato Lima • ADMINISTRAÇÃO: Dirce Borelli

Os artigos assinados não correspondem, necessariamente, à opinião do jornal.

Rua do Rosário, 182 - Angola - Betim/MG - CEP: 32.604-218 Telefone: (31) 2517.3900 CNPJ: 26.198.515/0002-12 Insc. Estadual: 067.669.993.01-67 Insc. Municipal: 000.052/002.0 HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: Segunda a quinta-feira: 8h às 18h e Sexta: 8h às 17h


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

3

FELLIPE SAMPAIO/SCO/STF

Política

Justiça Com voto de desempate do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, a Corte decidiu que casos de caixa 2 ligados a outros crimes devem ser enviados à Justiça Eleitoral. Essa medida é criticada pela força-tarefa da operação Lava Jato.

Benefício. Novo valor vai pra R$ 1.250, e o pagamento será retroativo ao mês de janeiro

Piso salarial dos agentes de saúde é aprovado Projeto de lei da prefeitura foi votado pela Câmara na reunião da última terça-feira (12) e agora vai para sanção do Executivo FOTOS: RONALDO SILVEIRA

José Augusto Alves politica@otempobetim.com.br

O novo valor do piso salarial dos agentes comunitários de saúde (ACS) e dos agentes de combate à endemias (ACE) foi votado e aprovado pela Câmara na reunião da última terçafeira (12). O projeto, que foi enviado pela prefeitura estava tramitando há mais de 20 dias no Legislativo, não tinha sido votado antes porque as comissões permanentes da Casa que analisam as propostas ainda não tinham emitido os pareceres. Com a aprovação da proposta, a matéria agora vai para a sanção do Executivo municipal. Ao todo, o município conta com 510 agentes. De acordo com o projeto, a nova remuneração de R$ 1.250 iguala o salário desses trabalhadores com o estabelecido pelo piso nacional da categoria. Os agentes de combate à endemias que são supervisores de campo também receberão o novo valor para função, que é de R$ 1.556,07. A votação do projeto contou com a presença de agentes e também do vice-prefeito, Vinícius Resende (Podemos). “O novo piso é um reconheci-

Votação. Vice-prefeito esteve na votação do projeto que aprovou o novo piso salarial para os agentes de saúde e de combate à endemias

mento ao trabalho desses servidores. Eu falo que eles são o termômetro da saúde, pois estão em contato direto com a população, levantando as demandas dos usuários. Por isso, a nossa gestão reconhece a importância desses profissionais”, disse. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Guilherme Carvalho, a legislação nacional que estabelece o pi-

so nacional dos agentes foi sancionada pela Presidência da República no ano passado e prevê o escalonamento em três etapas: em janeiro dos anos de 2019, 2020 e 2021. Retroativo Segundo o gestor, o pagamento será retroativo ao mês de janeiro. “Não estava claro no ano passado como o governo fede-

ral faria o repasse para pagar o novo valor. Agora, com essa garantia, a prefeitura aplicará o novo piso, como forma de reconhecimento ao trabalho desses funcionários na promoção à saúde e na prevenção de doenças. O recurso repassado será revertido totalmente para o pagamento do piso dos agentes e não será aplicado em outra finalidade”, enfatizou o secretário.

Proposta Educação. Também já está sendo analisado pelos vereadores o projeto de lei do Executivo que estabelece um aumento no salário dos professores infantis neste ano para que esses servidores passem a receber o piso nacional em 2020.

RONALDO SILVEIRA / ARQUIVO

Educação infantil

Duas novas creches lançadas

Avanço. Creche do Betim Industrial já terminou a construção

As construções de dois novos centros infantis serão lançadas neste sábado (16) pela prefeitura. As duas unidades fazem parte do pacote aprovado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) de um total de seis que já foram licitadas. Às 9h, o evento de lançamento de uma das unidades acontecerá no bairro Cidade Verde (rua Sírius, s/ número).

A creche é aguardada pela comunidade há pelo menos duas décadas. Já às 11h, o lançamento será no Conjunto Celso Alves Pedrosa (rua Hercílio do Espírito Santo Júnior, s/ número). A previsão é que as obras sejam entregues em 12 meses. Cada unidade está orçada em cerca de R$1,9 milhão e será custeada com recursos do governo federal.

Das 15 salas que serão construídas, dez delas serão para atendimento de alunos em tempo integral, e cinco, para apenas alunos de apenas um turno. Do pacote das seis primeiras unidades, duas foram lanças no mês passado nos bairros Capelinha e Vila Verde. Outras duas ainda serão iniciadas e contemplarão os bairros Petrovale e Paquetá. (JAA)

Requerimento

Debate para tratar ações na saúde Os vereadores deverão apreciar, na próxima semana, um requerimento de autoria da Comissão Permanente de Saúde que solicita a realização de uma audiência pública para debater a reformulação da área da saúde no município. Segundo o vereador Elias Araújo (PV), presidente da comissão, o objetivo é esclarecer a população sobre a reestruturação da rede. “Vamos ouvir a proposta da prefeitura, que é de ampliar os atendimentos no município, já que teremos novas estruturas na cidade, além da população. Muitas informações inverídicas e infundadas têm sido espalhadas pela cidade, como o fim do atendimento na UPA Sete de Setembro, o que não vai acontecer, e a audiência é uma maneira de esclarecer isso, com as informações verdadeiras”, declarou o vereador. Uma das ações já anunciadas pela prefeitura é a abertura da UPA Norte sob um novo modelo de gestão. O assunto foi debatido e aprovado pela Conferência Municipal de Saúde, em 2017, assim como a reestruturação da rede de urgência e de emergência. “É um momento oportuno para debatermos a saúde, tendo em vista que teremos as conferências estaduais e nacionais da área. Acredito que é uma oportunidade falar sobre as ações que o município realiza, como a construção de novas unidades básicas, do centro materno-infantil e da abertura da UPA Norte, que será inaugurada neste ano, conforme discutido na conferência municipal”, disse o secretário municipal de Saúde, Guilherme Carvalho. (JAA)


4

O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Política

Andrade Gutierrez. Fiscalização do tribunal foi feita após solicitação de 10 deputados de Minas

Deputado mostra relatório do TCU que atesta inexistência de dívida Weliton Prado exibiu no plenário da Câmara Federal relatório do Tribunal de Contas da União que aponta ilegalidades, dolo e ausência de lastro na dívida cobrada pela AG BILLY BOSS / CÂMARA DOS DEPUTADOS

Da Redação politica@otempobetim.com.br

O deputado federal Weliton Prado (PROS-MG) exibiu, nessa quinta-feira (14), no plenário da Câmara dos Deputados, o relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) que mostra “potenciais irregularidades” na suposta dívida que a empreiteira Andrade Gutierrez (AG), investigada na operação Lava Jato em um dos maiores casos de corrupção mundial, cobra de Betim. O TCU analisou o contrato entre o município e a empreiteira para a realização de obras de saneamento e urbanização na cidade entre 1979 e 1982. Foi esse contrato que originou a suposta dívida milionária que a empresa cobra na Justiça e que pode arrasar as contas do município. O relatório do TCU foi entregue à prefeitura no fim de janeiro e é resultado de uma fiscalização que foi solicitada pela Comissão de Desenvolvimento Urbano, da Câmara dos Deputados, após os parlamentares identificarem veementes indícios de fraudes na dívida reclamada contra a prefeitura. Os técnicos do TCU analisaram 54 caixas de documentos relativas ao processo e realizaram uma inspeção na própria Prefeitura em Betim, em setembro de 2018, para coletar a documentação encontrada no arquivo. A investigação do TCU foi apresentada na íntegra e comentada pelo deputado Weliton Prado no plenário da Câma-

ra Federal. “A Andrade quer receber milhões de Betim, mas, ao que tudo indica nas apurações, a empresa teria era que pagar ao município. A cidade de Betim, inclusive, foi obrigada a publicar decreto estabelecendo estado de emergência financeira. Um dos motivos para essa situação foi justamente essa cobrança descabida de dívida. A importante investigação do TCU, feita após um pedido meu, concluiu que as diferenças na execução do contrato que a Andrade quer receber se deram em meio a uma série de potenciais irregularidades graves”, afirmou Prado. O deputado apontou que quanto à execução das obras, que são objeto do contrato e dos termos aditivos, “o tribunal afirmou que não é possível garantir que a obra foi entregue na sua totalidade”. “Outra (irregularidade) diz respeito ao valor bem superior ao previsto no contrato sem ter previsão. A empresa só comunicou o aumento de despesa depois de supostamente realizar serviços que não comprovou em momento algum. Nem podiam ser comprovados, pois se tratavam de escavação, carga e transporte de material não conferido, medidos ou previstos. Inclusive, o quinto termo aditivo, celebrado em dezembro de 1982, foi firmado absurdamente após o encerramento e o recebimento das obras previstas no contrato. Por si só é nulo e representa uma fraude. Nada disso tinha qualquer cobertura ou amparo contratual, empenho, pre-

Auditoria constatou que Betim pagou valor a mais O relatório final do TCU, assinado pelo ministro Aroldo Cedraz, confirmou ainda os indícios de fraudes nos 3º e 4º termos aditivos ao contrato assinados pela AG e pelo então prefeito Osvaldo Franco, em 1982. O tribunal aponta que esses aditivos contrariaram frontalmente a legislação vigente na época, além de terem aumentado em mais de dez vezes o valor da obra. Ainda o resto a pagar reclamado nunca foi lançado na prestação de contas de Osvaldo Franco, e não existe autorização do Legislativo para isso.

Em 2018, a prefeitura já havia contratado uma auditoria independente feita pela BRN Auditoria Perícia, Auditoria e Avaliação. Em valores atuais pela tabela de correção monetária do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, o valor final do contrato pelas obras da Andrade Gutierrez foi R$ 32,215 milhões. Porém, pagamentos feitos pelo município ultrapassaram em R$ 28,99 milhões o valor final do contrato, montante que foi pago indevidamente. A AG já havia declarado que não comenta decisões já julgadas. REPRODUÇÃO

Prova. Weliton disse que relatório da TCU comprova fraude da AG

visão e medição do que foi feito”, declarou o parlamentar, que acrescentou que tiraram da cartola supostas obras indefinidas e imensuráveis e de impossível reconstituição. No Congresso Em entrevista ao jornal, o deputado classificou a cobrança da AG como uma “fraude e um crime” desproporcionais, um verdadeiro golpe sujo que não foi defendido por quem tinha esse dever. Ele ainda afirmou que continuará denunciando o assunto no plenário do Congresso Nacional e em todas as instâncias. “Também vou apresentar

A R B O A UM O H N I M A C M PARA U URO SEG

esse relatório na Comissão de Desenvolvimento Urbano para que sejam tomadas as devidas providências. Devemos convocar os ex-presidentes e o atual (da AG) para que sejam ouvidos a respeito”. CPI Além da suposta dívida da AG estar sendo debatida no Congresso Nacional, a Câmara de Betim instaurou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que está analisando toda a documentação para verificar os indícios de fraude que constitui a cobrança e tomar as devidas providências.

Oficial. Relatório do TCU aponta potenciais irregularidades

DE CALÇADAS


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Política

5

Documentação. Copasa ainda não possui licenciamento ambiental do reservatório

Audiência discute segurança da represa Várzea das Flores Debate será na próxima quarta (20), às 9h José Augusto Alves politica@otempobetim.com.br

Na próxima quarta-feira (20), às 9h, a Câmara Municipal realizará uma audiência pública para discutir a situação da represa Várzea das Flores. O objetivo é saber da Copasa quais os riscos de um possível rompimento da estrutura, as ações de segurança e o plano de ação. O pedido de audiência foi feito pelo vereador Adélio Carlos (PDT). “Muitos moradores

PREFEITURA DE BETIM / ARQUIVO

do entorno da represa estão preocupados com a situação da barragem, principalmente, depois da tragédia em Brumadinho. As pessoas querem saber se há riscos. Por isso, solicitei a audiência pública sobre o assunto”, afirmou. O governo estadual, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, já havia informado que “ficou determinada a realização de fiscalização na represa, com determinação à Copasa para a entrega dos estudos necessários ao processo de licenciamento ambiental”. Essa decisão aconteceu após o secretário municipal de Meio Ambiente, Ednard Tolomeu, ter se reunido em fevereiro com o Estado para que o governo estadual fiscalizasse o reservatório. Como a Prefeitura de Betim informou ainda em ja-

Encontro. Em fevereiro, secretário de Meio Ambiente se reuniu com o Estado para tratar sobre a represa

neiro, a represa Várzea das Flores não possui licenciamento ambiental, apesar de ser administrada desde a década de 1970. A Copasa disse que já ini-

ciou o processo junto ao Estado para regularizar a situação. Plano de ação Um dos assuntos que a Copasa

deverá esclarecer durante a audiência na Câmara é o plano de ação em caso de rompimento da represa. A estatal foi notificada pela prefeitura, que iniciou o

Plano de Prevenção e Enfrentamento de Catástrofes no dia 30 de janeiro, para apresentar toda a documentação referente à estrutura. Porém, segundo a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, até essa quinta-feira (14), a Copasa ainda não havia entregue a documentação. A companhia informou que está levantando os documentos. O plano de ação da prefeitura tem como objetivo fiscalizar empresas da cidade que exercem atividades que colocam em risco a vida da população, como barragens, refinaria de petróleo e distribuidoras de gás e de combustível. Com isso, os órgãos fiscalizadores do município exigem que as empresas apresentem licenciamento ambiental e o plano de enfrentamento e prevenção a catástrofes atualizados.


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

6

I

Economia

Dólar 14/03/2019

Comercial Compra 3,8472

Paralelo Compra 3,8200

Turismo Compra 3,6900

Venda 3,8480

Venda 4,0200

Venda 4,0000

m I m Ouro

0,99% 14/03/2019

Euro

Bovespa

0,69% 14/03/2019

0,30% 14/03/2019

Sucesso. Do total, 420 casos terminaram em acordos ou aguardam resposta das empresas

Mutirão renegocia dívida de quase 500 consumidores Ação do Procon teve como objetivo ajudar os betinenses em suas pendências financeiras; empréstimos bancários e juros de cartão de crédito lideraram as queixas FOTOS: RONALDDO SILVEIRA

José Augusto Alves economia@otempobetim.com.br

A dona de casa Cléa Martins estava com uma dívida de mais de R$ 700 por causa dos juros do cartão de crédito. Ela foi ao Procon de Betim nessa semana e foi um dos consumidores que conseguiram fazer um acordo com a financeira para diminuir a dívida. “Reduziu para cerca de R$ 300 após a negociação feita por meio do Procon. Fiquei bem satisfeita com o resultado do atendimento”, comemorou. Cléa fez parte dos 497 consumidores betinenses que foram atendidos até quinta (14) pelo Mutirão de Renegociação de Dívidas, ação realizada pelo Procon de Betim nesta semana. O mutirão fez parte da celebração ao Dia Nacional do Consumidor, comemorado nesta sexta (15). Os atendimentos foram realizados na sede do Procon, no Monte Carmo Shopping, e também no centro administrativo, onde foi montada uma estrutura extra para atender as pessoas. “O objetivo do mutirão foi dar oportunidades de solucionar pendências financeiras para os inadimplentes, incentivar as pessoas a negociarem suas dívidas e a saírem dessa situação que causa tan-

tos transtornos”, disse a superintendente do Procon, Luana Guimarães. Para ela, o balanço do Mutirão de Renegociação de Dívidas é positivo. “Até essa quinta (14), 420 pessoas conseguiram um acordo ou aguardavam resposta da proposta. Montamos uma estrutura extra na prefeitura para que os consumidores tivessem outra opção, com uma equipe preparada para a recepção. O prazo do atendimento dependeu de cada reclamação, já que muitos consumidores quiseram resolver várias pendências, aproveitando o momento”. Oportunidade. Além do atendimento na sede do Procon, estrutura foi montada no centro administrativo para beneficiar os consumidores

Casos Do total de atendimentos, empréstimos bancários, financiamentos e dívidas referente ao cheque especial e cartão de crédito foram os principais atendimentos. Houve casos em que o consumidor pagava 9% de juros ao mês e, na negociação, foram reduzidos para 2,5%. A professora Maria Aparecida do Carmo também foi ao Procon nesta semana. “Eu recebi uma cobrança indevida de uma loja e vim verificar o porquê. A gente fica assustado com isso e com os problemas que pode acarretar. Por isso, procurei o Procon”, disse.

Repercussão “O objetivo foi dar oportunidades de solucionar pendências financeiras para os inadimplentes, incentivar as pessoas a negociarem suas dívidas e saírem dessa situação. O balanço é positivo”.

“A minha dívida era de R$ 700 e reduziu para cerca de R$ 300 após a negociação do Procon. Fiquei bem satisfeita com o resultado do atendimento”. Cléa Martins dona de casa

Luana Guimarães superintendente do Procon

EDITORIA DE ARTE / O TEMPO BETIM

MUTIRÃO DO PROCON Em comemoração ao Dia Nacional do Consumidor, comemorado nesta sexta (15), o Procon de Betim realizou nessa semana um mutirão para ajudar os betinenses a renegociarem suas dívidas.

dos casos não houve acordo

E BALANÇO

497

15,5%

É o total de atendimentos

Para isso, foi montada uma estrutura extra no centro administrativo para atender melhor as pessoas, além do atendimento na própria sede do órgão.

84,5%

MAIORES QUEIXAS: Empréstimo Juros de dívidas do consignado cartão de crédito

77

Cobrança indevida

Juros abusivos

420 dos casos terminaram em acordo ou aguardam respostas

Atenção na hora de contratar serviços O mutirão não serviu apenas para renegociação de dívidas. Durante os atendimentos, os funcionários do órgão alertavam às pessoas sobre os cuidados na hora de contratar um serviço. “Por exemplo, o empréstimo consignado é uma modalidade que chama atenção, pois é descontado na folha salarial, e, a princípio, as parcelas são mais baixas. Porém, leva-se

muito tempo para quitar o valor, alguns levam até seis anos, o que pode comprometer o orçamento. Por isso, antes de contratar, o consumidor deve estar ciente se as regras oferecidas são compatíveis com a renda”, alertou Luana Guimarães. O mutirão na prefeitura continua com atendimento nesta sexta (15), das 8h às 16h.

“Eu recebi uma cobrança indevida de uma loja. A gente fica assustado com isso e com os problemas que pode acarretar. Por isso, procurei o Procon”. Maria Aparecida do Carmo professora


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Economia

7

RONALDO SILVEIRA / ARQUIVO

Benefício. Desconto de 10% vence na próxima quarta (20)

Número do CPF pode ser usado para quitar IPTU nas lotéricas Cadastro do imóvel deve estar atualizado José Augusto Alves economia@otempobetim.com.br

Quem ainda não quitou o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) à vista no mês passado poderá aproveitar o desconto de 10% até a próxima quarta-feira (20). Nesse caso, o valor terá que ser pago em duas vezes: a primeira nesta quarta e a segunda parcela no

dia 20 de abril. Os contribuintes podem emitir a guia para pagar o imposto pelo site da prefeitura ou ir diretamente no setor de IPTU, no centro administrativo, no bairro Brasileia. Porém, a partir desta semana, haverá uma terceira opção para quem precisa emitir a guia de arrecadação. “As pessoas que não quiserem vir à prefeitura ou não tenham condições de emiti-la pela internet poderão ir até uma casa lotérica com o número do CPF do proprietário do imóvel. Lá, poderão já emitir a guia e pagá-la na hora”, explicou o superintendente de Receitas, Levy Boaventura. Ainda segundo ele, para is-

Como emitir as guias do IPTU Internet. Pelo site www.betim.mg.gov.br. Após acessar, clique no link “Portal do Contribuinte” e, em seguia, “IPTU e taxas”. so é preciso que os dados cadastrais do imóvel estejam corretos. “Para conseguir pagar só com o número do CPF nas casas lotéricas é necessário que os dados estejam atualizados. Quem não tiver imóvel nessas condições deve procurar o setor de IPTU na prefeitura para fazer a atualização”, acrescentou. Até o momento, 28 mil con-

Presencial. Emissão no setor de IPTU, na prefeitura. Há opção nas casas lotéricas, com o nº do CPF. Os dados devem estar atualizados. tribuintes já quitaram o IPTU. Para quem preferir quitar o valor em duas parcelas nos meses de abril e maio, o desconto será de 5%. Por fim, quem preferir começar a pagar o imposto somente em maio poderá quitar o IPTU em cinco parcelas, com valor mínimo de R$ 50 cada uma. Neste caso, não haverá desconto.

Cadastro. Quem precisa atualizar dados deve ir ao setor de IPTU

Isenção Estão isentos da cobrança do IPTU os proprietários de imóvel residencial com até 65 metros quadrados. De acordo com a prefeitura, os recursos arrecadados com o imposto são aplicados na saúde do município, incluindo a manutenção do Hospital Público Regional de Betim (HPRB), unidades básicas de saúde (UBS) e unidades de pronto atendimento (UPAs), além de garantirem também a manutenção das atividades na educação, assistência so-

Número

28 mil Contribuintes. Número de pessoas e empresas que já quitaram o IPTU neste ano. cial, centros de referência em assistência social (CRAS), limpeza urbana, manutenção de vias, dentre outros serviços ofertados pelo município.


8

O TEMPO BETIM 15 a 21 de marรงo de 2019


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

9

JOÃO LÊUS/ARQUIVO

Cidade

Doação de perucas A Organização Regional de Combate ao Câncer (Orcca) realiza nesta sexta (15), às 11h30, em sua sede, a doação de 20 perucas para mulheres que estão em tratamento contra o câncer, mas que não podem pagar pelas peças, confeccionadas pela ONG Fio de Luz.

Grave. Empresa voltou a lançar dejetos em afluente da Várzea das Flores e nas águas do Saraiva

Copasa volta a jogar esgoto sem tratamento em córregos Estatal já havia sido multada, em 2018, pela prefeitura em R$ 2,2 milhões por poluição, mas recorreu para não pagar o valor Lisley Alvarenga cidades@otempobetim.com.br

A Copasa foi flagrada, nesta semana, lançando novamente esgoto sem tratamento em dois córregos da cidade. A estatal já havia sido multada, em agosto de 2018, em R$ 2,2 milhões pela prefeitura, após a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semmad) constatar em fiscalizações ambientais a poluição no rio Betim e em outros três cursos d’água da cidade. Mas a Copasa, além de entrar com um mandado de segurança na Justiça para não pagar a multa, voltou a lançar dejetos em dois desses córregos. Um deles é o Água Suja, que corta o bairro Icaivera e contribui com o abastecimento da lagoa Várzea das Flores. O flagrante foi feito pela regional do Icaivera que, ao realizar a limpeza no entorno do córrego, percebeu que a água estava contaminada. Na quinta-feira (14), foi verificada a presença de uma tubulação da Estação Elevatória da Copasa ao lado do córrego despejando dejetos não tratados no curso d’água. Em junho do ano passado, o mesmo crime ambiental foi constatado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, o que resultou em uma multa de R$ 400 mil a estatal e a obrigação de a companhia corrigir o dano. “O problema é que o crime ambiental continua. É nítido pela cor da água e pelo forte cheiro que se trata de esgoto sendo lançado no córrego. Diante da gravidade do problema, que tem sido praticado de forma recorrente pela Copasa, acionamos novamente a Secretaria de Meio Ambiente”, disse o administrador regional Hugo Leonardo. A reportagem também esteve no local e flagrou a água suja e escura saindo da mesma tubulação e caindo no curso d’água. Outro córrego que voltou a ser poluído pela Copasa é o Saraiva. Na região funcionava

uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), sob responsabilidade da Copasa, desativada pela estatal. Técnicos da Secretaria de Meio Ambiente flagraram na quinta (14) que, ao contrário do que foi determinado pela prefeitura, a tubulação está lançando esgoto sem tratamento nesse curso d’água. Por esse dano ambiental, a secretaria já havia multado a Copasa, no ano passado, em R$ 200 mil, além de exigir da estatal a correção do dano. “Denunciei a poluição do córrego Saraiva pela Copasa há 15 anos, mas nada foi feito. Na minha fazenda, os peixes morreram e, para dar água para o gado, temos que usar uma cisterna. Queremos que a Copasa reative a ETE e dê a destinação correta ao lodo gerado pelo esgoto”, reivindicou o biólogo Vasco Torquato, 68, há 30 anos proprietário de uma fazenda na região. Para o secretário de Meio Ambiente, Ednard Tolomeu, é muito grave que, além de protelar o pagamento da multa, a Copasa continue a praticar crimes ambientais em córregos da cidade. Segundo ele, o Conselho Municipal de Meio Ambiente (Codema) confirmou, no mês passado, a multa de R$ 2,2 milhões à Copasa pela poluição já praticada aos córregos Água Suja, Saraiva, Estiva e o rio Betim.

“A secretaria está atenta à preservação do meio ambiente, agindo e autuando para que problemas graves de poluição, como esse, cometidos justamente por quem deveria cuidar da água fornecida à população, sejam sanados. Mais importante que a multa, é que a Copasa pare de lançar esgoto sem tratamento, poluindo os cursos d’água da cidade”, disse. Tolomeu salientou que, caso a Copasa continue poluindo os córregos, terá que pagar multa diária de 1% do valor total de cada multa aplicada.

EDITORIA DE ARTE / O TEMPO BETIM

COPASA VOLTA A POLUIR ENTENDA O CASO

FLAGRA

Mesmo após ter sido multada, em agosto de 2018, pela prefeitura em R$ 2,2 milhões, por lançar esgoto em quatro córregos da cidade, a Copasa continua a jogar dejetos sem tratamento em dois deles. A estatal recorreu e não pagou até hoje a multa. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, caso a Copasa, continue a causar o dano ao meio ambiente, ela está sujeita a uma multa diária de 1% do valor total da multa.

Nesta semana, a reportagem de O Tempo Betim flagrou novamente que uma tubulação da Estação Elevatória da estatal, que fica ao lado do córrego Água Suja, no Icaivera, está despejando dejetos não tratados no local. Também foi verificada que uma tubulação da ETE voltou a lançar esgoto sem tratamento no córrego Saraiva, que fica no Residencial Lagoa.

SAIBA QUAIS OS OUTROS CASOS DE POLUIÇÃO PELO QUAL A COPASA FOI MULTADA CÓRREGO ESTIVA, NO BAIRRO DUQUE DE CAXIAS Em outubro de 2017, fiscais identificaram esgoto transbordando no poço do Condomínio Residencial Vila Green, com o escoamento direto de dejetos no curso d’água (córrego Estiva). Valor da multa: R$ 100 mil 7 + suspensão do lançamento de esgoto

Posicionamento Estatal. A Copasa informou que a estação elevatória de esgoto Icaivera está funcionando, porém, na terça-feira (12), a tubulação entupiu, culminando no derramamento de esgoto. “Tão logo a empresa tomou conhecimento do ocorrido a tubulação foi desobstruída”. Sobre as multas, a Copasa informou que “elas são pagas, quando devidas, após os trâmites administrativos e legais”. Sobre a poluição no córrego Saraiva, a Copasa não se pronunciou.

CÓRREGO SARAIVA, NO RESIDENCIAL LAGOA Em agosto de 2017, fiscais da Secretaria de Meio Ambiente constaram que uma tubulação da ETE da Copasa estava lançando esgoto sem tratamento no Córrego Saraiva, causando a mortandade de peixes e espuma excessiva.

b Valor da multa: R$ 200 mil + suspensão do lançamento de esgoto RIO BETIM, NO BAIRRO CACHOEIRA Em junho de 2017, fiscais constataram que após o rompimento de um interceptor da ETE Central, a empresa passou a lançar uma grande quantidade de dejetos sem tratamento direto no Rio Betim, o que causou sérios prejuízos ambientais.

RONALDO SILVEIRA

Valor da multa: R$ 1,519 milhão 7 + suspensão do lançamento de esgoto

CÓRREGO ÁGUA SUJA, NO ICAIVERA Em junho deste ano, a Copasa foi flagrada lançando esgoto sem tratamento no córrego Água Suja, que contribui para o abastecimento da lagoa Várzea das Flores. Foi verificada a presença de uma tubulação de uma estação elevatória da empresa despejando dejetos não tratados no local. b Valor da multa: R$ 400 mil + suspensão do lançamento de esgoto

Contaminado. Esgoto sem tratamento está poluindo o córrego Saraiva


10

O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cidade

Saúde. Foram investidos R$ 5,1 milhões na aquisição de máquinas e em obras de ampliação

Cidade duplica vagas de hemodiálise em um ano Doze meses depois da prefeitura transferir o atendimento de diálise para o Hospital Evangélico, o número de pacientes subiu de 227 para 427; fila de espera foi zerada Lisley Alvarenga cidades@otempobetim.com.br

A parceria firmada entre a prefeitura e o Hospital Evangélico, instituição filantrópica que assumiu a linha de cuidados de nefrologia da rede de saúde pública de Betim desde outubro de 2017, já contabiliza bons frutos. No mês em que se comemora o Dia Mundial do Rim, um balanço divulgado pela entidade mostra que, em apenas um ano de atuação na cidade, o número de vagas de pacientes da Hemodiálise do Hospital Regional quase duplicou, passando de 227 para 427 vagas – aumento de 88%. Somente no primeiro ano de atuação da entidade em Betim, foram investidos R$ 4,2 milhões na aquisição de 90 novas máquinas e equipamentos, além de R$ 980 mil utilizados em obras de ampliação e melhoria do setor, que inaugurou um segundo salão no hospital, ocioso desde 2011. “Hoje, não há nenhum paciente de diálise de Betim sem tratamento ou internado esperando vaga no Hospital Regional. Com a transferência do serviço, ampliamos o número de vagas, oferecendo mais conforto, comodidade e segurança aos pacientes. Também liberamos 19 leitos do Regional eram vagas ocupadas por pacientes com doença renal crônica e que tinham que ficar internados na unidade para garantir o tratamento no setor”, explicou o secretário municipal de Saúde, Guilherme Carvalho. Ainda de acordo com o gestor, ao transferir o serviço de ne-

EDITORIA DE ARTE / O TEMPO

“Com a transferência do serviço de hemodiálise para o Hospital Evangélico, ampliamos o número de vagas no setor, oferecendo mais conforto, comodidade e segurança aos pacientes.” Guilherme Carvalho Secretário de Saúde

frologia para a instituição filantrópica, a prefeitura conseguiu, além de otimizar o atendimento, economizar R$ 3 milhões no primeiro ano de atuação da entidade. “Isso tudo com o dobro de vagas em hemodiálise, mas com um melhor atendimento, insumos de mais qualidade e maior número de consultas no ambulatório do setor”, disse. O número de consultas ambulatorial em nefrologia também aumentou e a colocação das fístulas (arteriovenosas no lugar dos cateteres no pescoço) foram agilizadas. Já 60 betinenses que precisavam recorrer a cidades vizinhas para fazer o tratamento de diálise agora são assistidos no município. “O balanço do primeiro ano foi positivo. Em parceria com a prefeitura, vamos incluir o tratamento em terapia ocupacional, onde os pacientes terão oficinais artesanais na hora da sessão de diálise, e tentaremos incluir a educação para adultos (EJA) nas sessões diálise, já que muitos dos nossos pacientes são semianalfabetos. Além disso, em breve

RAIO X DA HEMODIÁLISE PACIENTES EM DIÁLISE NO REGIONAL OUTUBRO 2017

+ 88%

227

OUTUBRO 2018

427

PACIENTES EM DIÁLISE PERITONEAL (EM DOMICÍLIO) OUTUBRO 2017 OUTUBRO 2018

9

+

36

300%

Antes

PACIENTES INSCRITOS NO MG TRANSPLANTES JANEIRO 2018 DEZEMBRO 2018

19

altas do Hospital Regional (pacientes que ficam internados na unidade para ter vaga garantida na Hemodiálise)

+

96

81% 174

60

INVESTIMENTOS

pacientes de Betim que faziam hemodiálise em BH e Contagem foram absorvidos no Hospital Regional

R$ 4,2 milhões em máquinas e equipamentos

90 máquinas novas adquiridas

R$ 980 mil em obras de melhoria

Depois

FONTE: ASSOCIAÇÃO EVANGÉLICA BENEFICENTE DE MINAS GERAIS

vamos construir uma sede própria fora do Hospital Regional”, adiantou Dália Moraes, diretora administrativa da nefrologia do Hospital Evangélico. Presidente da Associação dos Pacientes Renais, Doadores e Transplantados de Betim, e paciente da hemodiálise do Regional há 36 anos, Valdemar Batista de Freitas, 54, confirmou a melhoria do atendimento. “O serviço melho-

rou, com uma equipe de profissionais bastante qualificada e que acolhe bem os pacientes. Fora o fato de que os pacientes da cidade que tinham que sair de Betim para fazer hemodiálise agora estão se tratando aqui. A única coisa que gostaria que melhorasse é o espaço físico do refeitório e dos banheiros, que não foram ampliados, mesmo com o aumento do número de pacientes”.

Dia do Rim tem ação de prevenção Conscientização. Na semana do Dia Mundial do rio (14 de março), a Secretaria de Saúde, em parceria com o Hospital Evangélico, realizou uma campanha de prevenção à doença. Além de palestra, equipes da saúde aferiram pressão, entregaram panfle-

tos e orientaram a população sobre a doença. Arte. Já o paciente da Hemodiálise e artista plástico Geraldo Pereira expôs seus trabalhos no Centro de Especialidades Divino Ferreira Braga e na praça Tiradentes.

PREFEITURA DE BETIM/DIVULGAÇÃO

Alerta. Morte de uma idosa de 67 anos foi confirmada

Casos notificados de dengue em Betim já chegam a 8.192

Ação. Agentes de endemias estão vendando de depósitos de água

Levantamento divulgado nesta semana pela Secretaria Municipal de Saúde mostra que os casos notificados de dengue em Betim já chegam a 8.192, 53% a mais do que em 21 de fevereiro, quando existiam 5.344 notificações. As confirmações somam 2.380 casos. A morte de uma idosa de 67 anos, morado-

ra do bairro Nossa Senhora de Fátima, também foi confirmada. Outras quatro mortes ainda estão sendo investigadas. As regionais Alterosas, Norte e Imbiruçu são as com maior incidência da doença. Para controlar os focos do mosquito Aedes aegypti, que em sua maioria estão nas residên-

cias, a prefeitura vem realizando uma série de ações. Dentre elas está a criação de um Comitê de Enfrentamento à Dengue que se reúne semanalmente para definir as ações que serão realizadas e a abertura de uma unidade de hidratação venosa. Além de eliminar os criadouros do mosquito, com o tra-

tamento dos focos da dengue e a vedação dos depósitos de água, a prefeitura informou que está realizando mutirões de limpeza, fazendo palestras de conscientização e blitze educativas. “Também estamos realizando a pulverização manual dos criadouros, e o carro do fumacê está percorrendo os locais com maior incidência dos focos transmissores”, disse o diretor de Vigilância em Saúde, Nilvan Baeta. A prefeitura também intensificou as vistorias nos terrenos, com aplicação de multas para os lotes que não estiverem limpos e cercados. (LA)


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cidade 11

Obras de sinalização serão feitas e ruas terão novo fluxo de carros Lisley Alvarenga cidades@otempobetim.com.br

A partir desta segunda-feira (18), algumas ruas no entorno da PUC Betim vão sofrer alterações de tráfego (veja ao lado), e receberão uma série de obras de sinalização. O investimento, orçado em cerca de R$ 1 milhão, é 100% custeado pelo Colégio Santa Maria, por meio de contrapartida, e será executado pela prefeitura. A previsão é que os trabalhos, que têm como objetivo oferecer mais segurança e conforto aos motoristas e pedestres, durem três meses. Segundo a diretora Executiva de Transporte e Trânsito –

Transbetim, da Empresa de Construções, Obras, Serviços, Projetos, Transporte e Trânsito de Betim (Ecos), Vânia Elias, obras como a criação de acessibilidade nas calçadas, que serão rebaixadas para que haja nivelamento com as faixas de pedestres; instalação de semáforo; regulamentação de estacionamento e mudança de mão em vias estratégicas serão realizadas. “A circulação de carros na região aumentou significativamente nos últimos anos em função da universidade, escolas e empreendimentos na região. Esta adequação é de extrema importância para garantir a fluidez no trânsito local”.

PRINCIPAIS ALTERAÇÕES:

Rua Alcides Inácio da Silva

Passa a ser mão única no sentido bairro

Rua Antônio Quirino da Silva Passa a ser mão única no sentido centro

Rua Viriato Borges Av: Edm eia Mat tos Lazz arot ti

Mudanças no entorno da PUC

EDITORIA DE ARTE / O TEMPO BETIM

Passa a ser mão única no sentido bairro

Rua Santo Agostinho Passa a ser mão única no sentido bairro (entre as avenidas Arthur da Silva Bernardes e Santo Agostinho)

Passa a ser mão única no trecho entre as ruas do Rosário e José Augusto Borges

Arthur da Silva Bernardes

Rua José Augusto Borges

Rua do Rosário

Passa a ser mão única no sentido centro (do cruzamento com a rua Santo Agostinho)

PUC-BETIM

Rua Conceição Rosa Lima

Passa a ser mão única no sentido centro

Rua Espanha

Será instalado um semáforo no cruzamento da rua Antônio Quirino com a avenida Arthur da Silva Bernardes Av: Edm eia Mat tos Lazz arot ti

Trânsito. Início será no dia 18

Passa a ser mão única no sentido bairro


12

O TEMPO BETIM 15 a 21 de marรงo de 2019


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cidade 13

Feminicídio. Irmã de Simone contou que ela deixou o marido após ter sido agredida por ele

Suspeito de matar e enterrar a ex-mulher em casa é preso LISLEY ALVARENGA

Pedreiro confessou crime e disse que matou a ex com uma martelada após uma briga Continua detido no Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) de Betim o pedreiro Jacir de Souza, 37, apontado pela polícia como o assassino da fiscal de ônibus Simone Aparecida Araújo Costa, 33, encontrada morta pelas irmãs na casa do ex-marido, no bairro Capelinha, na última sexta-feira (8), Dia Internacional da Mulher. O homem foi preso em flagrante em Itaguara, na região Central de Minas, também na sexta, pela Polícia Militar. O corpo da fiscal, que estava desaparecida desde terça (5), foi achado enterrado no quintal da casa de Souza. À polícia, ele confessou o crime, disse que a matou com uma martelada na cabeça, e que o motivo teria sido uma briga por causa de um dos filhos do casal. “Segundo o suspeito, o casal teria discutido por causa do filho mais velho deles. Ele alega que ela teria ficado nervosa, o ofendeu e o empurrou. O suspeito disse então que perdeu a cabeça, pegou um martelo e a golpeou. Quando ele percebeu que Simone estava sem vida, o homem contou que ficou transtornado e que resolveu cobrir o corpo dela com areia para esconder dos filhos do casal”, explicaram

os militares que efetuaram a prisão de Souza. De acordo com a irmã da vítima, Silvana Costa, 35, a fiscal de ônibus era casada com Souza há 16 anos e tinha dois filhos com ele, um de 14 e outro de seis anos. O casal havia se separado há cerca de dois meses depois de ter sofrido agressões do então companheiro. No dia em que ela possivelmente foi morta, na terça (5), Silvana contou que a irmã foi se encontrar com o ex porque ele disse que estaria com os sobrinhos dela. “Ele era muito possessivo, chegou a ameaçá-la de morte e disse que se ela não fosse dele não seria de mais ninguém. Na terça-feira, ele ligou para minha irmã e disse que estava com os dois sobrinhos. Como ela gostava muito deles, decidiu encontrá-lo para ver as crianças. Desde então, não tivemos mais notícias dela. Chegamos a procurá-la, a vir aqui na casa dele na quarta-feira a noite, mas não a encontramos. Ele nos recebeu nesse dia, foi muito frio, e disse que não sabia dela. A nossa suspeita é que ele a levou para algum local, a assassinou, e só depois trouxe o corpo para a casa dele”, disse Silvana. Conforme a irmã da vítima, depois que soube do desaparecimento de Simone, a família divulgou o caso nas re-

des sociais e prestou queixa à polícia. “Colamos cartazes pelo bairro, e foi quando viemos aqui perto da residência dele, para divulgarmos o desaparecimento. O portão estava aberto. Minha irmã entrou na casa e, quando foi no quintal, viu o corpo enterrado. Na hora que eu fui lá e vi a blusa branca, não tive dúvidas. Aí chamamos a polícia”, acrescentou. A investigação do crime está sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios de Betim, que instaurou um inquérito e, agora, aguarda apenas colher o depoimento de um dos filhos do casal. No inquérito Souza é apontado como o assassino de Simone.

Covardia. Corpo da fiscal de ônibus, 33, foi enterrado no quintal da casa do ex-marido, no Capelinha

Morto por causa de dívida de R$ 150

RONALDO SILVEIRA

Lisley Alvarenga cidades@otempobetim.com.br

Fútil. Na hora do crime, mecânico fazia reparos em uma carreta

Capelinha. Além de droga, foram recolhidas armas e uma balança de precisão

Uma dívida de R$ 150 foi a justificativa dada por um homem de 39 anos à Polícia Militar para ter assassinado a facadas um mecânico autônomo, na quinta (7), em um posto de combustível às margens da BR–381. Na hora do crime, a vítima fazia reparos em uma carreta que estava no estabelecimento, que fica no bairro Jardim Piemonte, sentido Contagem.

Segundo o boletim de ocorrência da PM, Floriano Pereira de Castro confessou ter matado o mecânico. O suspeito disse à polícia que foi até o local para cobrar a dívida de R$ 150 do mecânico e que, como ele disse que no momento não tinha como pagar, o esfaqueou. O homem foi preso no restaurante do posto. (LA)

São João.

Mãe e filho detidos por refinar cocaína Bando rouba UBS e leva computadores PMMG/DIVULGAÇÃO

Denúncia. Material foi levado para a Delegacia de Plantão de Betim

A Polícia Militar prendeu mãe e filho suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas. O caso aconteceu no bairro Capelinha, na sexta (8). Segundo a PM, foi feita uma denúncia anônima de que duas pessoas estavam preparando cocaína para a venda em um local que servia como laboratório de refino de droga na rua Campina Grande. Ao chegarem ao local, os policiais montaram uma operação para abordar os suspeitos. Nas buscas, os militares do Grupamento Especializado em Recobrimento (GER) encontraram quatro revólveres calibre .38,

duas garruchas, sendo uma calibre .22 e outra calibre .32, e 16 munições de diversos calibres. Também foram apreendidos 20 kg de pasta base de cocaína, 20 kg de ácido bórico, 1 kg de adrenalina em pó, dois litros de éter, um liquidificador industrial, dois holofotes para secagem da droga, uma balança de precisão, quatro aparelhos celulares e vasto material para dolagem, além de R$ 2.294 em dinheiro. Mãe e filho foram presos e levados para a Delegacia de Plantão de Betim, juntamente com o material apreendido. (José Augusto Alves)

Funcionários da Unidade Básica de Saúde (UBS) Jardim Petrópolis, no bairro São João, foram surpreendidos na manhã da última segunda (11), quando chegaram para trabalhar e descobriram que a unidade havia sido arrombada. Os bandidos furtaram uma série de objetos do posto, entre eles, dez computadores e materiais usados no atendimento dos pacientes, como gazes e lâminas para exames preventivos. Segundo a ocorrência feita pela Guarda Municipal de Betim, os funcionários da UBS re-

lataram que o portão principal da unidade estava danificado. Eles disseram acreditar que o arrombamento ocorreu na noite de domingo (10). Foram furtados ainda baterias de sonar, oxímetros, micro-ondas, materiais administrativos, dinheiro e pertences dos servidores. Por meio de nota, a Secretaria Adjunta de Segurança Pública informou que o município está com licitação em andamento para comprar câmeras de videomonitoramento para todas as 36 UBSs da cidade, que funcionarão 24 horas por dia. (LA)


14

O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cidade

TEMPO

DE

PET

SEU ANIMALZINHO

QUER

PRECISA DAR O SEU PARA

SUMIU?

ADOTAR? ADOÇÃO?

Entre em contato com a gente através do e-mail cidades@otempobetim.com.br ou pelo WhatsApp 9 8340.9150. É preciso enviar foto e texto.

FOTOS ARQUIVO PESSOAL

Prefeitura realiza 1º ExpoPet Betim

Cadelinha em busca de um lar Essa fofura de cachorrinha foi resgatada das ruas e está em busca de uma família. De porte pequeno, a Lilica é muito carinhosa, alegre e se dá bem com crianças e outros animais. Ela é própria para morar em apartamento. Caso tenha interesse em adotá-la ou conheça alguém que queira, favor entrar em contato com Nice pelo telefone (31) 99299-4703.

Porte: pequeno

Raça: indefinida

Sexo: fêmea

Para a adoção

Palestra, desfile de cães, educação ambiental, feiras de mercado pet e de adoção, apresentação de cães da Guarda Municipal, espaço kids, espaço gastronômico e visitação a Castramóvel. Essas são algumas das atividades que serão desenvolvidas na 1ª edição do ExpoPet, evento promovido pela prefeitura e que será realizado, no dia 30 de março, às 9h, no parque de exposições. O encontro gratuito marca o lançamento oficial da Superintendência de Proteção e Bem Estar Animal (Sepa), que tem como objetivo criar políticas públicas voltadas ao bem-estar animal. Quem quiser ter um estande no evento é só entrar em contato pelo telefone (31) 3531-2323.

Adote! Essa linda cachorrinha de olhos azuis, está sendo cuidada em um lar temporário na bairro Sapucaia. Ela adora ficar no meio das pessoas e brincar. A família que a acolheu não pode mais ficar com ela, então, a cadelinha precisa de um lar urgente. Caso tenha interesse em adotá-la, ligue para Porte: Raça: Sexo: (31) 99670-7922. médio indefinida fêmea

Fica comigo?

PREFEITURA DE BETIM/DIVULGAÇÃO

Doce e meiga, a Charlotti é uma cadelinha que já sofreu muitos mautratados. O que ela mais deseja é ter um lar para chamar de seu. A cadelinha, de porte grande, se dá bem com qualquer animal. Para adotá-la, entre em contato no telefone: (31) 99299-4703. Porte: grande

Raça: indefinida

Sexo: fêmea

Essa meiga cachorrinha adora brincar e ter espaço para correr. Ela foi abandonada e precisa com urgência de um lar. A cadelinha já é castrada e recebeu todas as vacinas. Caso você queira que ela faça parte da sua família, favor ligar para o telefone (31) 97137- 1581. Porte: médio

Raça: indefinida

Sexo: fêmea


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

15

FACEBOOK/DIVULGAÇÃO

Cultura

‘Pagodin’ O estacionamento da Prime Show receberá, neste domingo (17), a partir das 14h, o evento “Pagodin”. Os artistas Be Strong e Lucas Fernandes, além dos grupos Papo di Bakana (foto) e Samba Brother, vão se apresentar no dia. Inf.: (31) 99430-2043.

Sertanejos. César Menotti e Fabiano se apresentam no sábado (16) na casa Prime Show

Dupla vai tocar hits do DVD ‘Os Menotti em Orlando’ CÉSAR MENOTTI E FABIANO/DIVULGAÇÃO

Evento terá a presença de Emanuely Kamily, 12, que participou do ‘The Voice Kids’ Lisley Alvarenga cultura@otempobetim.com.br

Antes mesmo de despontarem como uma das duplas sertanejas mais famosas do país, os irmãos César Menotti & Fabiano já faziam sucesso entre os amantes da moda de viola em Betim. Há cerca de 15 anos, eles lotavam, todas as quartas-feiras, o Caipirinha, extinta casa de eventos que deu lugar a Prime Show. “Desde que começamos a carreira nos bares de Belo Horizonte, a turma de Betim sempre nos

deu muita força, principalmente a turma da veterinária, que sempre nos honrava com a presença nos nossos shows na cidade. Sem contar com na relação com a rádio Liberdade, que está com a gente desde o começo da carreira e temos uma relação familiar. Temos muito respeito por eles”, disse César Menotti. Na noite do próximo sábado (16), a dupla, conhecida por seu carisma e por ser muito bem-humorada, vai desembarcar mais uma vez em Betim para se apresentar na Pri-

brar aquelas músicas que saíram aqui de Minas Gerais e que fizeram com que a gente fosse reconhecido em todo o Brasil”, finalizou. A noite terá ainda a presença de Emanuely Kamily, 12, de Montes Claros, que participou da última edição do programa “The Voice Brasil Kids”, da Globo; além da dupla Bruno César e Luciano.

Sucesso. Álbum gravado durante quatro dias nos EUA traz canções como “Burro Chora” e “Me Ensina”

me. No show, eles, além de relembrar sucessos da carreira, como “Leilão”, “Ciumenta” e a música tema da capital mineira, “Lugar Melhor que BH”,

vão animar o público com canções do mais novo álbum lançado pela dupla, “Os Menotti em Orlando”, gravado nos Estados Unidos, e lançado em fe-

vereiro. “Vai ser uma noite muito emocionante, onde vamos, com certeza, apresentar nosso mais novo trabalho, mas também vamos relem-

Ingressos A venda de ingressos está sendo feita por meio online, na Central de Eventos (@centraldoseventos). Já a venda física, está ocorrendo na loja Móveis São Geraldo e na Drogaria Souza Aguiar, ambas no centro de Betim, ou no restaurante Boi Lourdes, que fica no Partage. Informações (31) 3593-8049.

FUNARBE/DIVULGAÇÃO

Funarbe. Projeto itinerante percorre bairros da cidade

Sessões de cinema de graça e ao ar livre são retomadas

Arte. Projeto, que foi suspenso em novembro por causa das chuvas, exibiu 25 filmes no ano passado

O projeto itinerante “Cine Funarbe”, que oferece sessões de cinema gratuitas à população em espaços ao ar livre, está de volta. Nesta sexta-feira (15), às 18h30, está marcada a exibição do filme “O Touro Ferdiando”, na rua Penafiel, no bairro

São João. A Colônia Santa Isabel foi a primeira região a receber o projeto neste ano, com a exibição de um longa infantil. “Este é mais um dos projetos da Funarbe que tem como objetivo a descentralização da cultura. Em apenas um ano de pro-

jeto, realizamos 25 sessões em diversas regiões de Betim. Para este ano, esperamos atender muitos outros bairros, proporcionando momentos de lazer gratuitos para toda a família”, disse o presidente da Funarbe, Dudu Braga. (LA)


16

O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cultura

Essas incríveis mulheres ACIR GALVÃO

Laura Medioli

Mail: laura@otempo.com.br Fax: (31) 2101-3826

“A violência e o terror impostos pelo tráfico me afastam. Quinze anos de experiências e aprendizagens deixam marcas. Deixam saudades... E me lembro do salão que ajudei a montar e que tantas vezes frequentei. Fechado? Esquecido? Ou, ainda, utilizado para velar os corpos?”

Por mais de dez anos, participei ativamente de trabalhos voluntários em algumas vilas e aglomerados da Grande Belo Horizonte. Desde menina, acompanhando minha mãe, acostumei-me a frequentar ambientes carentes e a descobrir ali seus mais ricos valores humanos. Experiências foram centenas, e confesso que hoje, relembrando histórias, me bate certa saudade. Saudade do tempo em que, mesmo à noite, podia andar sozinha nos becos ou rodeada por crianças, em permanente algazarra, que me pediam balas e me chamavam de “tia”. De moradores que me conheciam pelo nome e me abriam suas portas para um cafezinho. Já tomei muito café e ouvi muitas histórias. A conta de luz atrasada, o companheiro que sumiu no mundo ou que simplesmente se juntou com outra, a filha adolescente grávida sabe-se lá de quem, o trabalho que não vem, a saúde que anda mal. O forasteiro maníaco amedrontando as crianças na hora de irem à escola, o porco imundo e magricela que invade a cerca vizinha, o pit-bull amarrado ameaçando se soltar. A meninada na rua exposta ao esgoto aberto. Os bares vendendo cerveja e cachaça, pais irresponsáveis que se esquivam da pensão. Sinucas rasgadas, truco nas calçadas: “Seeeeeis só, pato!!!”, gritam os homens, enquanto as mulheres observam, mudas, cuidando dos filhos, lavando as roupas, costurando, fazendo salgados pra fora, colocando comida em casa. Determinadas, sem medo, elas tocam o barco. Mulheres incríveis, que, ao longo dos anos, aprendi a respeitar.

O imóvel encontra-se fechado, doação antiga de uma entidade religiosa. Sem água, sem luz, sem utilidade. Resolvemos reabri-lo, montar ali a sede de uma associação. Pagamento das contas atrasadas, novas telhas, portas, janelas. A construção de uma escada que a criançada não deixa. O pedreiro quer desistir. Enquanto coloca a massa, a meninada observa. A escada está pronta, e, no dia seguinte, um amontoado de cimento espalhado. O pedreiro já não sabe o que fazer. Chamo os garotos e dou a eles uma missão: “Estão vendo esta escada? Quero que tomem conta dela. Não deixem que ninguém a estrague. Confio em vocês!” Finalmente, a escada intacta. Além das mulheres, um exército de garotos a nos ajudar. As paredes são pintadas em esquema de mutirão. Os homens lá fora, rindo e jogando truco, enquanto nós, em cima de mesas e cadeiras, fazemos a nossa parte. Um ou outro, mais consciente, vem em auxílio. Às vezes, perdia a paciência e ia pra rua. “Pô, gente! Não estão vendo que precisamos de ajuda?” E eles, indiferentes, continuavam seus jogos. O salão é inaugurado por um senhor “derramado”, que, finalmente, foi descansar. O velório dura a noite inteira. Depois, outros mortos. Idosos, crianças... Como doía ver os caixõezinhos brancos. Ao lado, mães transtornadas pelo sofrimento. A chegada do ônibus, o cemitério, dor, choros e desmaios. Invariavelmente nessa ordem. O salão não serve apenas de velório. Ali se faziam reuniões, debatiam-se questões comunitárias, como a for-

mação de uma entidade que representasse os moradores do local. Meninas de 12 a 16 anos mostram os ventres avolumados. Nem sequer se dão conta da responsabilidade que carregam. Faltam-lhes maturidade, idade, trabalho, perspectivas. Mais um filho para a mãe criar. Filhos e netos se misturam num ambiente pequeno e carente. Convido um ginecologista acostumado a falar sobre controle de natalidade. As palestras feitas à noite enchem o salão. As garotas se interessam, fazendo perguntas. No fim das tardes, sentava-me com as meninas nas calçadas para jogar conversa fora e tratar de assuntos femininos. Tento explicar de maneira simples os períodos fér-

teis. E elas, rindo, vêm me contar seus casos ou, cheias de preocupação, suas dúvidas e seus medos. Camisinhas e DSTs eram os assuntos do dia. Entristecia-me ao ver meninas de saias curtas carregando pelas ruas seus recém-nascidos. O salão comunitário, devido à necessidade, um dia transformou-se em creche. “Recanto da Laurinha” foi como o batizaram. Sensibilizada, agradeci às mães – homenagens assim jamais serão esquecidas. O espaço tornou-se pequeno para o grande número de crianças, e a creche, enfim, teve que ser transferida. O tempo passou. Aos poucos, fui renunciando às minhas atividades nas cinco comunidades em que escolhi

trabalhar. A violência e o terror impostos pelo tráfico me afastam. Quinze anos de experiências e aprendizagens deixam marcas. Deixam saudades... E me lembro do salão que ajudei a montar e que tantas vezes frequentei. Fechado? Esquecido? Ou, ainda, utilizado para velar os corpos? – hoje, quase sempre, de jovens, mortos por overdose ou balas dirigidas por quem se sentiu prejudicado num acerto de contas. Ao lado deles, as mães, transtornadas pelo sofrimento. Silêncio, tristeza e medo. Muito medo. Na semana em que se comemorou o Dia Internacional da Mulher, o meu carinho e o mais profundo respeito a elas: essas sofridas, maravilhosas e incríveis mulheres!

Hope. Covers do U2 e Engenheiros do Hawaii vão tocar

Dia da Mulher. Evento será no Monte Carmo, no sábado

Tributos a bandas de rock

Palestra e oficina de dança

FACEBOOK/DIVULGAÇÃO

Lisley Alvarenga cultura@otempobetim.com.br

A casa de shows Hope Pub receberá neste fim de semana dois grandes covers. Na noite desta sexta-feira (15), quem sobe ao palco é banda U2 Cover Brasil, que vai fazer um tributo a banda irlandesa U2. Já no sábado (16), será a vez do grupo Engenheiros do Uai, formada desde 2003 pelos mineiros Junio Ramos, no baixo e vocal; Nico Paganini, nas guitarras e teclados; e Guilherme Araújo, na bateria. A banda cover promete agitar o público com os grandes do su-

Talento. Banda mineira Engenheiros do Uai foi criada em 2003

cessos que marcaram a carreira de umas das melhores bandas de rock do país, o Engenheiros do Hawaii. A Hope fica na rua Profes-

sor Osvaldo Franco, 20, centro. Os ingressos estão sendo vendidos no site Sympla. Mais informações pelo telefone (31) 99481-1434.

DIVULGAÇÃO

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, no dia 8 de março, o Monte Carmo Shopping receberá neste sábado (16), a partir das 16h, uma palestra sobre autoestima e uma mostra de dança realizada pela bailarina e membro do Conselho Internacional de Dança (CID-Unesco), Alexandra Noronha. O evento tem como principal objetivo homenagear todas as mulheres, promover uma reflexão sobre o papel da mulher na sociedade e divulgar a dança do ventre e outras modalidades de dança. Gratuito, o encontro no centro de compras terá ainda a presença das bailarinas Néia Aziza, Érica Cristiane, Giovanna Cristiane e alunas da Cia. de Artes Almira Lopes. Para participar, é preciso se inscrever no site Sympla, pelo endereço (https://www.sympla.com.br/palestra-e-oficina__453750). (LA)

Autoestima. Alexandra Noronha fará palestra


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Cultura 17

Cinema. Após a morte de seu filho por um traficante, personagem decide destruir o cartel

Liam Neeson vive homem em busca de vingança Astro vive novamente o papel de justiceiro Da Redação cultura@otempobetim.com.br Acostumado a viver justiceiros em filmes de ação, como em “Busca Implacável”, o veterano

REPRODUÇÃO INTERNET

Liam Neeson retorna às telonas em mais um papel de um homem em busca de revanche. Em “Vingança a Sangue Frio”, Neeson dá vida a Nels, um homem que trabalha como motorista de um removedor de neve. Só quem um dia, ele vê seu mundo virar de cabeça para baixo quando seu filho é morto por um poderoso traficante de drogas. Impulsionado pelo desejo de vingança, ele fará tudo o que for preciso para destruir o poderoso cartel. O filme, que estrearia em fe-

Ação. Liam Neeson vive Nels, homem que busca justiça após ter o filho morto por traficante

vereiro, acabou sendo adiado para quinta (14), após Neeson dar declarações consideradas preconceituosas. O ator negou que seja racista e disse que, em uma entrevista, explicou que se inspirou para o papel quando uma amiga foi estuprada por um homem negro, a quem chamou de “preto bastardo”. O longa estáno Monte Carmo, na sala 5, às 13h50, 16h10, 18h35 (este exceto sábado e domingo) e 20h50. Já no Partage, na sala 3, os horários são 13h10, 16h, 18h50 e 21h40.

Programe-se. Confira os filmes que estão em cartaz EM CARTAZ O PARQUE DOS SONHOS Direção: David Feiss Sinopse: A jovem sonhadora June encontra escondido na floresta um parque de diversões chamado Wonderland, que é cheio de passeios e animais que falam. O único problema é que o parque está confuso e desorganizado. June logo descobre que o parque veio de sua imaginação e que ela é a única que pode deixar o lugar mágico de novo. Betim 3: 14h30 e 16h30 e 18h30. Monte Carmo 1: 14h30, 16h30 e 18h30. Partage 2: 13h20, 15h30, 17h40 e 19h50.

CAPITÃ MARVEL Direção: Anna Boden, Ryan Fleck Sinopse: Aventura sobre Carol Danvers, uma agente da CIA

que tem contato com uma raça alienígena e ganha poderes sobre-humanos. Entre os seus poderes estão uma força fora do comum e a habilidade de voar. Betim 1: 13h30, 16h, 18h30 e 21h. Betim 3: 20h30. Monte Carmo 2: 13h50, 16h20, 18h50 e 21h20. Monte Carmo 4: 13h40, 16h10, 18h45 e 21h15. Monte Carmo 6: 13h30, 16h, 18h30 e 21h. Partage 1: 13h, 15h50, 18h40 e 21h30. Partage 4: 16h30, 19h20 e 22h10. Partage 5: 11h45 (apenas sábado e domingo), 14h30, 17h20 e 20h10. Partage 6: 12h20 (apenas sábado e domingo), 15h10, 18h e 20h50.

COMO TREINAR SEU DRAGÃO 3 Direção: Dean DeBlois

Sinopse: Soluço busca realizar seu grande sonho de encontrar um lar pacífico onde os dragões possam viver em segurança. Lá, Banguela descobre uma companheira, assim como ele, mas um tanto selvagem. Mas é quando o perigo começa a rondar o lar, que a dupla Banguela e Soluço é testada e precisa tomar decisões difíceis para salvar suas espécies. Partage 7: 12h (só sábado e domingo) e 13h40 (exceto sábado e domingo).

A CAMINHO DE CASA Direção: Charles Martin Smith Sinopse: Bella é uma cadelinha que vive com Lucas, um estudante de medicina veterinária. Um dia ela é encontrada pelo Controle de Animais na rua e acaba sendo levada para um abrigo a 400 milhas de distância de seu dono. Bella,

então, decide iniciar sozinha uma longa jornada de volta para a casa, emocionando a todos. Monte Carmo 1: 20h30.

MALIGNO Direção: Nicholas McCarthy Sinopse: O estranho comportamento do filho de Sarah, Miles, indica que uma força maligna se apoderou dele. Temendo pela segurança de sua família, Sarah precisa lutar contra seu instinto maternal de proteger Miles para poder investigar o que está acontecendo. Monte Carmo 3: 15h30, 17h20, 19h10 e 21h. Partage 7: 14h40, 17h e 20h (todos apenas sábado e domingo), 16h10, 18h30 e 21h (todos exceto sábado e domingo).

A MALDIÇÃO DA FREIRA Direção: Aislinn Clarke Sinopse: Em 1960, os padres

Thomas Riley e John Thornton são enviados pelo Vaticano para investigar um evento milagroso em um lar irlandês para mulheres órfãs, grávidas solteiras ou com distúrbios mentais. Lá eles encontram uma adolescente grávida com sinais de possessão demoníaca e acabam descobrindo algo terrível. Partage 2: 21h50.

A CINCO PASSOS DE VOCÊ Direção: Justin Baldoni Sinopse: Dois pacientes com fibrose cística se apaixonam, apesar das regras do hospital afirmarem que eles devem manter 1,5 metros de distância entre si. Monte Carmo 5: 18h35 (só sábado e domingo)

SAI DE BAIXO - O FILME Direção: Cris D'Amato Sinopse: Caco Antibes sai da prisão e planeja mais um

golpe que envolve a família mais famosa do Largo do Arouche: Vavá, Cassandra, Ribamar e Magda. O filme é a volta dos personagens icônicos da série de sucesso, com novos personagens que vão incrementar à bagunça. Betim 2: 20h40. Partage 4: 14h.

CINDERELA POP Direção: Bruno Garotti Sinopse: Cíntia Dorella é uma garota de 16 anos que sonha em encontrar o cara ideal, mas vê seu mundo ruir quando descobre que seu pai está traindo sua mãe. Descrente no amor, ela vai morar na casa da tia e passa a trabalhar como DJ, se tornando a Cinderela Pop. Ela acaba se apaixonando por Freddy, um cantor de sucesso, mas também precisa lidar com as filhas de sua madrasta, que também desejam o rapaz. Betim 2: 14h40, 16h40 e 18h40. Monte Carmo 3: 13h40.


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

18

Sociedade

Adeilson Andrade adeilson.andrade@otempobetim.com.br FOTOS: ADEILSON ANDRADE

Evento

Monte Carmo recebe 2ª Feira de Noivas e Debutantes Em parceria com a Bhia Fidelis Coreografias Personalizadas e Heverton Silas Fotografia, o Monte Carmo recebe a segunda edição da Feira de Noivas e Debutantes neste domingo (17), de 16h às 20h. Os visitantes terão a oportunidade de conhecer as novidades e negociar diretamente com os fornecedores, com condições e descontos exclusivos. Outras informações pelo número 999980985. J Click. A fisioterapeuta Pricila Portela durante a festa “We Love Carnaval”. J Simpatia. A estudante de administração Lívia Madjarian durante a apresentação da dupla Pedro Paulo & Alex, na Prime Show.

Z CarnaBetim. Mary da Costa e Alexandre Antunes durante o pré-carnaval na Praça Milton Campos.

J Aniversário. A gatinha da foto é a estudante de medicina veterinária Júlia Rezende, que comemorou mais um ano de vida no último dia 10.

Z Empoderamento feminino. No último dia 8 de março, o presidente da Câmara, vereador Klebinho Rezende (PSD), prestou uma homenagem às servidoras do legislativo municipal. Na foto, ele com a diretora de comunicação, Waleska Chaban, com a chefe de Gabinete da Presidência, Katiane Martins e com a procuradora-geral da Câmara, Camila Sá.


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

Sociedade 19 FOTOS: ADEILSON ANDRADE

RONALDO SILVEIRA

Música eletrônica

Betim sedia edição especial de 10 anos da festa “Boombay”

J Niver 1. A estudante de pedagogia e modelo Yasmin Maia comemorou mais uma primavera na última quarta-feira (13).

J Bela. A fisioterapeuta Benila Marinho em recente evento na espeteria No Selettus.

J CarnaBetim. As amigas Bruna Passos e Thais Diegues.

J Aniversário. Mariana Silva Barros comemorou 11 aninhos no último dia 10, para alegria do papai Mariano Kverinha e da mamãe Leunice Silva Carneiro.

J CarnaBetim 2. Gilmara Calazans e o filhão Vitor Calazans Ribeiro.

Z Agora vai. A personal trainer Ingrid Danielle e o educador físico Daniel Almeida (Marelo) receberam familiares e amigos no “Chá de Cozinha” para anunciar a data do casório.

O Kartódromo Internacional de Betim (Arena Kart) foi escolhido para sediar a edição especial de 10 anos da Boombay, um dos maiores festivais de música eletrônica de Minas Gerais. No line up da festa, que acontece no próximo dia 23, nomes do cenário da música eletrônica nacional e internacional, como Vegas, Pettra, Major7, Bur In Noise, Symbolic, Gabe, entre outros. Outras informações podem ser obtidas pela página Facebook.com/BoombayOpenAir

J CarnaBetim 3. Alex Forttis e Marcia Forttis também prestigiaram o pré-carnaval.

Z Niver 2. O educador físico Pedro Bastos comemorou mais um ano de vida no último dia 7. Na foto, ele com a esposa Jéssica Gonçalves.


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

20 Conteúdo Especial

Sem monotonia. Treinos são variados a cada dia e podem ser realizados por todas as pessoas

Quer qualidade de vida? Venha para a Arena Ranger Espaço é ideal para quem quer sair do sedentarismo e melhorar o estilo de vida Publieditorial comercial@otempobetim.com.br

Você que quer ter uma vida saudável, sair do sedentarismo e melhorar a qualidade de vida já tem o local ideal para atingir seus objetivos: a Arena Ranger MMT. O espaço pratica o MMT (Mixed Modality Training, ou Mistura de Modalidades de Treinamento), que é uma miscelâneas de diversas outras modalidades e diferentes programas de treinamento físico. As atividades desenvolvidas no local, orientadas por profissionais especializados, visam melhorar o condicionamento físico das pessoas, elevando os níveis de força, velocidade, resistência aeróbica, equilíbrio, dentre outras, fazendo com que os praticantes percam peso e melhorem também a estética.

Na Arena Ranger MMT, você não fica na monotonia, pois, a cada dia, são realizados exercícios diferentes. “O protocolo de treinos é muito variado, assim, a pessoa nunca sabe qual exercício ela vai fazer no dia, sempre visando o desafio de se superar a cada dia. Isso motiva as pessoas a buscarem o melhor delas, já que não ficam presas num único tipo de atividade. E o mais importante é que esses exercícios podem ser feitos por qualquer pessoa, independente da idade, sexo e peso, pois as atividades se adaptam ao estilo dela. Pessoas, por exemplo, que possuem algum tipo de problema também podem fazer MMT porque tudo é adaptado segundo a realidade de cada um”, explicou o head coach Rafhael Siqueira. Ele conta que vários alunos já obtiveram grandes resulta-

FOTOS: RONALDO SILVEIRA

Venha conhecer Endereço. A Arena Ranger Betim está localizada na avenida Edmeia Matos Lazzarotti, 1.368, no centro (perto da praça do Encontro). Contato. (31) 3787-1471 . WhatsApp. 99690-2343. Instagram. @arenarangermmt dos. “Tivemos pessoas que chegaram aqui com excesso de peso, desacreditados, mas que conquistaram grandes resultados. Alteraram sua qualidade de vida e melhoram significativamente seus estilos”, disse. Convite A Arena Ranger MMT realizará um team wod. A atividade será no dia 23, das 10h às 12h, na praça do Encontro. Venha participar e conhecer um pouco mais do MMT.

Variedade. Os praticantes do MMT fazem exercícios diferentes, melhorando a performance

Treinamento. Exercícios de força são alguns dos que são realizados durante os treinos na Arena Ranger ARQUIVO PESSOAL

Perfil Rafhael Siqueira: head coach da Arena Ranger. Formação: Rafhael é graduado em Gestão de Segurança Pública e Privada, bacharel em Educação Física, pós-graduado em Nutrição Esportiva, Crossfit Level 1 e especialista em Preparação Física para Esportes e Lutas. Além disso, é Campeão Brasileiro de Karatê pela WKT (2012) e tem grande experiência como atleta nessa modalidade. Rafhael é Terceiro Sargento da Reserva do Exército Brasileiro e foi atleta da Seleção Brasileira de Pentatlo Militar, participando dos Jogos Panamericanos Rio 2007 na modalidade Pentatlo Moderno. Capacitação. Rafhael Siqueira é o head coach da Arena Ranger MMT


Shopping Diversos

15 a 21 de março de 2019 Ano XLIV - Número 1857 www.otempo.com.br


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

22

ARQUIVO/DIVULGAÇÃO

Esportes

Radical A pista internacional de bicicross, localizada no bairro Bueno Franco, receberá neste domingo (17) o evento “Corrida-Treino”, a partir das 8h. A iniciativa se iniciará com aquecimento e, em seguida, as provas. As inscrições devem ser confirmadas anteriormente pelo telefone (31) 98414-9025.

Futebol. Equipe foi vice do Mineiro sub-17 no ano passado

AMDH vai ao RJ para fortalecer projeto FELIPE AUGUSTO / AMDH DIVULGAÇÃO ARQUIVO

Time enfrentou Vasco e Fluminense

Domingo tem final da Copa Capelinha Chegou a hora de levantar a taça. Neste fim de semana, os torcedores conhecerão os campeões das duas categorias da Copa Capelinha deste ano. No sábado (16), no campo do Domingão, as equipes São Luis e Beija Flor brigam pelo título da categoria Master, às 15h. O primeiro eliminou o Granja Verde ao vencer o jogo por 1 a 0. Já o Beija Flor passou nos pênaltis (4 x 3) após empatar no tempo normal com o Ca-

pelinha em 3 a 3. Veteranos Já no domingo (17), pelo Veteranos, a final será entre Capelinha e Recreio, também no campo do Domingão, às 10h. O time, que tem o mesmo nome da competição, ganhou na semifinal do Cruz Azul, por 3 a 1. Já o Recreio eliminou o Duval de Barros ao vencer a partida por 2 a 1.

Breves

José Augusto Alves esportes@otempobetim.com.br

A Associação Mineira de Desenvolvimento Humano (AMDH) fez uma excursão nessa semana com as equipes do sub-15 e sub-17 pelo Estado do Rio de Janeiro. Reconhecido por formar atletas para grandes times do país e até do mundo – Fernando, de 20 anos, foi vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia –, o projeto enfrentou as tradicionais equipes do Fluminense e Vasco, além do Serrano, em amistosos.

Briga por taça

Torneio Classista

Times de Betim se dão bem Sucesso. AMDH disputará o Mineiro, a Taça BH, Copa Brasil e Brasileirinho das categorias de base

Além de ser uma oportunidade de intensificar a preparação para o Campeonato Mineiro deste ano – em 2018, a equipe sub-17 foi vice-campeã estadual –, a ida aos gramados cariocas também foi uma oportunidade de inter-

câmbio. “Essa excursão para o Rio para jogar contra esses times tradicionais, além de ajudar no trabalho de preparação para as competições, também é uma oportunidade para dar visibilidade aos nossos atletas,

já que somos formadores de jogadores. Foi uma boa chance para que os garotos pudessem ser monitorados por olheiros do país inteiro, fortalecendo o projeto”, disse o supervisor da AMDH, Guilherme Moreira.

Os times da cidade venceram seus duelos pela segunda rodada do Torneio Classista, organizado pela Liga de Desportos de Betim. O Guarani aplicou a maior goleada: fez 11 a 1 sobre o Fluminense. Outra equipe betinense que também goleou foi o Renascença: 5 a 1 em cima do Pinheirense. O Roma também conquistou os três pontos ao vencer por 4 a 2 o Bela Vista. Com a vitória, o Roma já garantiu vaga na segunda fase da competição. Por fim, o Santa Isabel derrotou o União, por 1 a 0.

FOTOS: SAULO OLIVEIRA / DIVULGAÇÃO

Domingo (17)

Decisão agita Torneio da Amizade, no Petrópolis

Decisão. Ponte Preta goleou o Unidos por 5 a 0 e se classificou

A 28ª edição do Torneio da Amizade, um dos mais tradicionais da cidade, chega à final neste domingo (17). Na categoria Veteranos, Ponte Preta e Geração Forte se enfrentarão no campo do Petrópolis, às 10h, para ver

quem leva o caneco. Na semifinal, as duas equipes não tiveram grandes dificuldades para carimbar a classificação. A Ponte Preta goleou por 5 a 0 o Unidos do Sul. Já o Geração Forte derrotou o Vila das Flores por 3 a 1.

Vaga. Time do Geração Forte Venceu o Vila das Flores na semifinal


O TEMPO BETIM 15 a 21 de março de 2019

24 Esportes

Gratuito. Passeio quer aumentar número de doadores

Pedalada em prol da doação de sangue RONALDO SILVEIRA/ARQUIVO

Adiado em fevereiro, evento será no domingo

Sábado tem evento de taekwondo Neste sábado (16), o Monte Carmo Shopping vai sediar o 4º Festival Kids de Taekwondo. O evento, que é organizado pela academia Gabriel Martins Arts, acontece a partir das 16h, no piso próximo ao boliche. Segundo o shopping, o festival tem como objetivo fomentar o esporte e contará com a presença de Brunna Idak (pen-

tacampeã brasileira de taekwondo) e Guilherme Dias (medalhista no Campeonato Mundial de Taekwondo). Durante o festival, cerca de 20 participantes, com idades que variam entre 4 e 14 anos, vão apresentar durante os combates princípios da cortesia, da integridade, da perseverança, do autocontrole e do espírito indomável.

Vagas limitadas

Da Redação esportes@otempobetim.com.br

Adiado em fevereiro, em razão das chuvas, o evento “Pedalar e Doar é só Começar” acontecerá neste domingo (17). O objetivo é reunir nas ruas de Betim dezenas de ciclistas em prol de uma ação social: conseguir aumentar as doações de sangue para a Fundação Hemominas. Promovido pela Prefeitura de Betim, por meio do Hospital Regional Professor Osvaldo Franco, o passeio ciclístico terá início às 9h.

Monte Carmo

Pedalar e Doar. Passeio ciclístico terá concentração na praça Milton Campos e começará às 9h

A concentração acontecerá na praça Milton Campos e, em seguida, os atletas participantes percorrerão algumas avenidas da região central até chegarem à sede da Hemominas, no bairro Jardim Brasília. “Na praça do Encontro, haverá ainda aulas de zumba”, disse Patrícia Evangelista,

uma das organizadoras do evento. Segundo a prefeitura, para atender adequadamente a demanda de suas unidades, a Hemominas precisaria de 1.000 doações por mês. Atualmente, há um déficit de cerca de 30% desse número de doadores. Por isso, o objetivo do even-

to é sensibilizar a população a fazer doações durante todo o ano. “Iniciativas como essa geram um resultado muito positivo para a Hemominas. Há sempre um aumento expressivo no número de doações”, destaca Venício Quirino, coordenador da unidade de Betim da fundação. A participação é gratuita.

Inscrições para a 1ª ‘Corrida pela Vida’ O Projeto Sonhart, que atende 250 pessoas semanalmente de forma voluntária, vai comemorar dois anos de existência com a realização da 1ª Corrida Pela Vida. Segundo a coordenadora do projeto, Célia Maria Pinto, o objetivo é realizar uma corrida de rua para incentivar as pessoas a doar sangue e, as-

sim, ajudar a salvar vidas. A corrida está marcada para o dia 21 de abril, às 8h, mas para participar, é necessário realizar a inscrição, cujas vagas são limitadas. O valor da inscrição custa R$ 50, mas terá desconto e custará R$ 30 para doadores de sangue e alunos do projeto. Informações: (31) 99723-7584.

Profile for Tecnologia Sempre Editora

O Tempo Betim, 15 a 21 de março  

Edição semanal de O Tempo Betim

O Tempo Betim, 15 a 21 de março  

Edição semanal de O Tempo Betim

Profile for otempo
Advertisement