Page 1

2017

R$15,00

REVISTA OFICIAL

DEZEMBRO

Graziela do Corumbau O modelo do cavalo Mangalarga: bonito, bom de sela e funcional!

Sucesso absoluto na grande festa da FamĂ­lia Mangalarga!


Índice ndice ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CRIADORES DE CAVALOS DA RAÇA MANGALARGA Av. Francisco Matarazzo, 455, Pavilhão 4, “Dr. Simões” Parque da Água Branca - SP - CEP:05001-300 Telefone: (11) 3673-9400

6

Apresentação da Capa

DIRETORIA EXECUTIVA - TRIÊNIO 2015/2017

39ª Exposição Nacional

Diretor Presidente Mário A. Barbosa Neto Vice-Presidente Administrativo Financeiro Renato Diniz Junqueira Vice-Presidente de Marketing Eduardo Henrique Souza de França Vice-Presidente Técnico Gabriel Francisco Junqueira de Andrade Vice-Presidente de Fomento Flávio Diniz Junqueira

8

Exposição Nacional

14

Funcionalidade em destaque

18

Visita do Governador

20

Programação Movimentada

26

Informação de qualidade

30

Sucesso de Mídia

Vice-Presidente de Exposições e Esporte João Pacheco Galvão de França

34

Parcerias de Sucesso

Vice-Presidente de Relações Institucionais Armando Raucci

36

Galeria dos Grandes Campeões Nacionais

DIRETORIA ADJUNTA- TRIÊNIO 2015/2017 Diretores Jurídicos Antonio Carlos Pestili Fonseca Pedro Amaral Salles Renato Tardioli Lucio de Lima Diretor de Fomento Danton Guttemberg de Andrade Filho

Mercado & Finanças 44

Mercado Aquecido

45

Leilão Jaó

Diretores de Exposição Cassiano Terra Simão José Lamartine Moreira Cintra Filho

Haras em destaque

Diretor de Pelagem Jeferson Ferreira Jardim Diretores de Marketing João Luis Ribeiro Frugis

50

Haras Corumbau

Diretor Técnico Lourenço de Almeida Botelho

Lazer & Cultura

Diretor Financeiro Leonardo Novaes Figueiredo Augusto CONSELHO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO TRIÊNIO 2015/2017 Membros Eleitos Arnaldo de Almeida Prado Filho Cristina Junqueira Fleury Azevedo Costa Luís Cintra Sutherland Osvaldo Juliano Roberto Diniz Junqueira Filho - Presidente Membros Efetivos Célio Ashcar Celso Galetti Montalvão Clodoaldo Antonângelo Eduardo Diniz Junqueira Élio Sacco Felippe de Paula C. de Albuquerque L. Filho Flávio Diniz Junqueira Francisco Marcolino Diniz Junqueira Ivan Antônio Aidar Luiz Eduardo Batalha Mário A. Barbosa Neto Reginaldo Bertholino Renato Diniz Junqueira Sergio Luiz Dobarrio de Paiva

69

Nova Zelândia

Espaço Técnico 56

Cuidados no parto

58

Manejo e Alimentação

Momento Social 60

Participação Infantil

63

Presença Feminina

69

Social 39ª Expo Nacional

CONSELHO DELIBERATIVO TÉCNICO TRIÊNIO 2015/2017 Técnicos Luiz Alberto Patriota de Araújo Costa. Marcelo Leite Vasco de Toledo (Presidente) Marcos Sampaio de Almeida Prado Maria Aracy Tavares de Oliva Paulo Lenzi Souza Leite Sérgio Diniz Junqueira Criadores José Luiz Prandini Rodnei Pereira Leme Roque Carlos Nogueira Gabriel Francisco Junqueira de Andrade João Pacheco Galvão de França

Painel de Negócios 83

Espaço Empresarial

84

Fidelidade Mangalarga

86

Índice de Anunciantes

SERVIÇO DE REGISTRO GENEALÓGICO STUD BOOK Superintendente do Serviço de Registro Genealógico Jayme Ignácio Rehder Neto

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

5


Apre Apresentação

Graziela do Corumbau (T.E.).

A

REVISTA MANGALARGA Edição e Redação Pedro Camargo Rebouças (MTB 31427) pereboucas@hotmail.com Publicidade Norberto Cândido norberto.candido@abccrm.com.br Coordenação Administrativa Solange Kazlauskas solange.kaz@abccrm.com.br Assistência de Marketing Marina Vicentin marina.vicentin@abccrm.com.br Desenho Gráfico Daniel Bertti daniel.bertti@bertti.com.br Departamento de Exposição Francisco Bezerra francisco.bezerra@abccrm.com.br Lucas Diniz lucas.diniz@abccrm.com.br

capa desta edição apresenta a premiada égua Graziela do Corumbau (T.E.). Produto do cruzamento entre Jambo da Sabauna (T.E.) (LM) e Ilha Bela R.A.A., esta jovem alazã obteve um feito inédito na raça ao conquistar os títulos de Grande Campeã Nacional Égua, Grande Campeã Nacional Égua de Marcha e Grande Campeã do Concurso Égua Funcional. Originária da seleção do Haras Corumbau, comandado pelo selecionador Marcelo Barbará no município paulista de Itu, esta bela

fêmea integra atualmente o plantel do Haras A.E.J., liderado pelo criador Almiro Esteves Junior na cidade de Amparo (SP). Graziela, além disso, pode ser apontada como um modelo para a raça, conjugando beleza, qualidade de sela e funcionalidade. O autor desta bela foto, por sua vez, é um dos mais atuantes profissionais do universo do cavalo Mangalarga. Formado pela Escola Panamericana de Arte e criador da raça desde 1990, Márcio Mitsuishi é colaborador frequente das capas da Revista Mangalarga.

39ª Nacional em destaque A 39ª Exposição Nacional, realizada em setembro, em São João da Boa Vista (SP), foi o principal momento da raça na atual temporada. Por conta disso, a Revista Mangalarga preparou para seus leitores um rico e diversificado panorama deste grande evento do Cavalo de Sela Brasileiro. Contando com uma diversificada programação, a Nacional 2017 foi um evento muito movi-

mentado tanto dentro como fora das pistas de julgamento, recebendo inclusive as ilustres visitas do governador de São Paulo Geraldo Alckmin e da Cônsul-Geral da República da China em São Paulo Chen Peijie. Assim, o convidamos a conferir nas próximas páginas o que aconteceu de melhor nesta grande celebração do Cavalo de Sela Brasileiro.

Boa leitura e um próspero Ano Novo! Equipe Mangalarga

6

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


AOS MESTRES CRIADORES, OBRIGADO!

RELAÇÃO DOS PRESIDENTES DA ABCCRMANGALARGA GABRIEL JORGE FRANCO JOÃO FRANCISCO DINIZ JUNQUEIRA ANTENOR JUNQUEIRA FRANCO JOSÉ FLORIANO ESTEVES MARTINS JOSÉ OLINTHO FORTES JUNQUEIRA SEBASTIÃO DE ALMEIDA PRADO RENATO JUNQUEIRA NETTO EDUARDO P. RALSTON CARLOS ABRANCHES BROTERO ROBERTO DINIZ JUNQUEIRA BADIH AIDAR ALIPIO PEREIRA MARQUES DE OLIVEIRA FAUSTO SIMÕES JOSÉ OSWALDO JUNQUEIRA FELIPPE DE PAULA CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE LACERDA FILHO CLODOALDO ANTONANGELO IVAN ANTONIO AIDAR CÉLIO ASHCAR CELSO GALLETTI MONTALVÃO REGINALDO BERTHOLINO MÁRIO A. BARBOSA NETO SERGIO LUIZ DOBARRIO DE PAIVA MÁRIO A. BARBOSA NETO

PRESIDENTE HONORÁRIO PRESIDENTE HONORÁRIO PRESIDENTE HONORÁRIO PRESIDENTE HONORÁRIO PRESIDENTE HONORÁRIO PRESIDENTE HONORÁRIO 1934 - 1935 - 1939 / 1947 1935 -1938 1947 - 1962 1962 - 1971 1972 - 1973 1974 - 1977 1977 - 1980 1980 - 1983 1983 - 1986 1986 - 1989 / 1993 - 1995 1989 - 1992 1996 - 1998 1999 - 2001 2002 - 2003 2004 - 2005 / 2006 - 2008 2009 À 2011 2012 À 2014 / 2015 - 2017

Em 25 de setembro de 1934, na cidade de São Paulo, às quinze horas, na sede da Associação Herde Book Caracu, na Av. Água Branca, 53, instalou-se a Assembéia especialmente convocada com o fim de se fundar o registro genealógico do CAVALO MANGALARGA, e aí eleita a Primeira Diretoria. E, a partir dali, todos os Presidentes eleitos, só trabalharam no intuito de divulgar essa magnífica Raça Mangalarga com muito amor e empenho. Sempre procurando colocar-lá em seu local de destaque, no Brasil e no mundo.


39ª Expo E Nacional

Foto: Norberto Cândido

Por Pedro C. Rebouças

EXPO NACIONAL 2017: A GRANDE FESTA DA FAMÍLIA MANGALARGA Sucesso de público, animais de altíssima qualidade e um ambiente de muita amizade garantiram o êxito da mais importante mostra da raça

O

Cavalo de Sela Brasileiro viveu, entre os dias 14 e 23 de setembro, seu principal momento na atual temporada. Realizada no Parque José Ruy de Lima Azevedo, no município paulista de São João da Boa Vista, a 39ª Exposição Nacional proporcionou uma memorável festa para a Família Mangalarga e para a população sanjoanense. O evento, promovido pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) em parceria com a Sociedade Sanjoanense de Esportes Hípicos (SSEH), reuniu quase 500 animais em uma 8

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

movimentada programação que incluiu julgamentos de marcha e morfologia, provas funcionais, disputas sociais e leilões, além de uma série de atrações paralelas. O Presidente da ABCCRM, Mario Barbosa, define a 39ª Expo Nacional como excelente. “Esta foi uma exposição realmente excelente, movimentada, com o parque cheio e animais de altíssima qualidade. Além disso, os criadores e admiradores do cavalo Mangalarga tiveram oportunidade para se confraternizar, renovando as antigas amizades e fazendo novos amigos. Por isso tudo, acredito que melhor seria impossível”, celebrou

o dirigente mangalarguista em entrevista ao Programa Prosa Caipira, da TV Serra Azul. Mario Barbosa também ressaltou que o principal mérito desta Nacional foi conseguir mostrar para o Brasil a qualidade do cavalo Mangalarga, atraindo assim novos apaixonados pela raça. “Esta foi uma exposição memorável, digna da importância do cavalo Mangalarga, na qual tivemos uma tropa excepcional, criadores entusiasmados com a raça e muita competitividade. Tudo isso em um ambiente de amizade e confraternização.”


39ª Expo Nacional onal

O público desta edição superou o registrado em 2016.

Foto: Norberto Cândido

Coordenador desta 39ª edição do evento, o criador Luis Augusto Opice acredita que a Nacional de 2017 superou a Nacional de 2016, também realizada com grande sucesso no Parque José Ruy de Lima Azevedo. “A Exposição acabou superando a anterior em público, em ambiente e na infraestrutura. São João novamente entregou uma festa à altura da Família Mangalarguista, uma festa que todos nós como criadores e expositores merecíamos, em um ambiente agradável com uma infraestrutura muito boa, que permitiu que esposas e filhos também se sentissem bem. Tivemos ainda a visita do governador e a presença de um público que realmente superou o do ano passado, com muita gente da cidade e da região.” Opice ressalta também as diversas melhorias realizadas no recinto para receber o principal evento da raça. “A Sociedade Sanjoanense construiu novos banheiros, trocou toda a pista, que, aliás, ficou muito boa. Acabou melhorando até a própria iluminação, que já havia sido trocada no ano passado, com um trabalho de focalização. Também tivemos mais camarotes e a praça de alimentação foi modificada, contando com parceiros de melhor qualidade. Tivemos música ao vivo todos os dias na praça de alimentação, propiciando um ‘happy hour’ gostoso para quem estava lá no parque. Tivemos julgamentos muito bons, à semelhança do que ocorreu em 2016. Tivemos o Espaço ‘Kids’ e um ‘Test Drive’ muito concorrido com crianças e jovens experimentando nossos cavalos. Já a parte de infraestrutura para os nossos apresentadores e tratadores funcionou muito bem, com iluminação nas baias, água, banheiros limpos e comida boa com preço muito acessível levando-

Foto: Pedro Rebouças

Objetivo alcançado

A Nacional contou com dez dias de concorridos julgamentos.

se em conta a qualidade da refeição oferecida.” Para Flávia Raucci, Diretora de Marketing da ABCCRM por ocasião da Nacional, a 39ª edição da exposição foi espetacular. “A mostra do ano passado já havia sido muito boa. Entretanto, este ano a gente melhorou bastante o que havia para ser melhorado e acredito que no ano que vem vai ser ainda melhor. O pessoal está em clima de festa e o pessoal da cidade está prestigiando o evento. Aliás, muitos são-joanenses estão se associando à ABCCRM. Eles vêm visitar o evento e acabam se associando, então eu acho que isso é fomento. Está todo mundo muito satisfeito, por isso acredito que a gente atingiu os objetivos traçados”, analisou a dirigente em entrevista para o programa Prosa Caipira, da TV Serra Azul.

O Presidente da SSEH, Jairo Hamilton Domingues, destacou, por sua vez, que foi uma grande honra receber novamente a Exposição Nacional. “Esse era um desejo que a gente tinha há muito tempo. São João, apesar de ser um dos berços do Mangalarga, até o ano passado não havia feito nenhuma Exposição Nacional. No ano passado, a gente conseguiu trazer a mostra para cá pela primeira vez. O pessoal gostou e novamente o evento voltou para a nossa cidade. Então, é uma satisfação muito grande poder ter o maior evento da Mangalarga sendo realizado aqui em São João.” Já o Prefeito de São João da Boa Vista, Vanderlei Borges de Carvalho, ressaltou o impacto da Exposição Nacional na economia do município. “Os hotéis da cidade Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

9


39ª Expo E Nacional ficaram lotados, os restaurantes também estiveram lotados, então tanto o comércio da cidade como todo o município saem ganhando com a realização deste evento no nosso município. É possível observar quantos comerciantes da cidade e quantos são-joanenses passaram pelo parque de exposição ao longo desses dias. Dessa forma, acho que trazer a Exposição do Mangalarga pelo segundo ano consecutivo foi uma decisão muito acertada e já estamos colocando a cidade novamente como candidata para o próximo ano.” Concorridos julgamentos

De acordo com o jurado Marcelo Toledo, a Nacional 2017 foi muito boa. “Eu acredito que os páreos de marcha foram o principal destaque entre os destaques desta Nacional, contando com a participação de animais bem dentro do que a gente buscou ao longo dos últimos 15

anos nesse processo de revitalização e valorização da marcha, que é a principal característica do nosso cavalo.” Toledo ressalta ainda que tanto machos como fêmeas apresentaram um nível muito bom em São João da Boa Vista. “Os animais estavam em um patamar muito próximo. Assim, conforme o julgamento se afunilava ia ficando cada vez mais difícil. Nossa tropa tem uma boa morfologia e vem vivendo uma grande evolução na parte dinâmica. A prova do galope funcional, por exemplo, foi muito bem feita. Além de uma marcha muito boa, nossos cavalos têm um galope muito bom. Essa qualidade no galope é, aliás, o que nos diferencia das outra raças marchadoras.” O jurado faz também algumas ressalvas a aspectos em que o plantel da raça pode evoluir. “Ainda temos alguns casos de sobrepeso na nossa tropa. Além disso, os membros e os aprumos dos animais ainda podem melhorar. Entretanto, algo que vem melhorando cada vez mais é o temperamento de sela do nosso plantel. Aliás, o que mais me chamou atenção nesta Nacional foi o temperamento de sela da Grande Campeã Égua, que é realmente incrível.” Com um total de 2639 pontos somados ao longo do evento, Cassiano Terra Simão conquistou a primeira colocação do Ranking de Expositores da 39ª Nacional, sendo seguido por Almiro Esteves Junior,

Foto: Norberto Cândido

Foto: Norberto Cândido

O público que compareceu à 39ª Expo Nacional também pôde ver um grande espetáculo na pista de julgamento do Parque José Ruy de Lima Azevedo. Ao longo dos dez dias de atividades, 420 animais, expostos por 120 conceituados criatórios mangalarguistas, passaram pela criteriosa análise de duas duplas de jurados. A primeira, composta por José Rodolfo Brandi e João Pacheco Galvão de França Filho, esteve a cargo da avaliação da marcha dos concorrentes. A segunda, integrada por Eduardo Leite Cintra e Marcelo Leite Vasco de Toledo, foi responsável por julgar a morfologia dos animais participantes. Realizados na tarde do sábado 23 de setembro, dia de encerramento da 39ª Nacional

Mangalarga, os julgamentos que elegeram os Grandes Campeões Nacionais de 2017 propiciaram momentos de muita emoção e foram acompanhados com grande atenção pelo público que lotou o recinto de exposição. Em seu comentário logo após a definição do Grande Campeonato Cavalo, o jurado Marcelo Toledo demonstrou muito entusiasmo com a qualidade da tropa. “Neste páreo, conseguimos tirar o modelo ideal do cavalo de sela, algo que é muito bem representado pelos três primeiros colocados deste julgamento. Estes são animais que realmente representam o que temos de bom no Brasil.” Já o jurado José Rodolfo Brandi, responsável pelo comentário após o julgamento que elegeu o novo Grande Campeão de Marcha, ressaltou a qualidade de andamento apresentada pelos participantes desse páreo. “É um prazer enorme fazer parte de um julgamento com essa qualidade de andamento. Os três primeiros colocados são realmente excepcionais animais de sela.” Nível elevado

As pelagens mereceram amplo destaque na 39ª Expo Nacional. 10

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Vista geral do Camarote Mangalarga


39ª Expo Nacional onal que obteve a segunda colocação com 2050 pontos, e pelo Haras Precioso, o terceiro colocado com 1518 pontos. Cassiano Terra Simão também obteve a primeira colocação do Ranking de Criadores ao somar 2284 pontos, sendo seguido por Antonio Carlos Ferreira (segundo colocado com 2250,50 pontos) e Almiro Esteves Junior (terceiro colocado com 1491 pontos).

Geraldo Alckimin entrega premiação a Cassiano Terra Simão, melhor expositor e criador da 39ª Nacional.

Paulo Eduardo Correa da Costa também ficou com a primeira posição do Ranking de Melhor Criador de Pelagem Pampa da Nacional 2017. A segunda posição ficou com Natal Francisco Ribeiro, que somou 835 pontos, enquanto a terceira foi obtida por Nelson Antonio Braido, com 730 pontos. Nesta edição da Revista Mangalarga, é possível conferir a galeria com todos os Grandes Campeões Nacionais de 2017. Já os resultados completos do mais importante evento do Cavalo de Sela Brasileiro podem ser acessados no portal oficial da ABCCRM www. cavalomangalarga.com.br. Foto: Norberto Cândido

sedimentada que as outras, tanto é que já fez Grandes Campeões na classe geral. A alazã amarilha, por sua vez, foi a que mais me surpreendeu nesta Nacional. Quanto à pelagem preta ou zaina, acredito que ela precisa de mais pressão de seleção para aprimorar seu plantel.” Ao fim do evento, o criador Paulo Eduardo Correa da Costa liderou o Ranking de Melhor Expositor da Pelagem Pampa com 2720 pontos, sendo seguido por Nelson Antonio Braido (segundo colocado com 730 pontos) e pelo Haras Fabuloso (terceiro com 615 pontos). Acumulando 2880 pontos, Foto: Pedro Rebouças

A Nacional 2017 abriu também um importante espaço para as pelagens diferenciadas da raça Mangalarga. Prova disso é que cerca de 78 expositores e 130 exemplares participaram das categorias de julgamento voltadas a este segmento, que inclui animais pampas, pretos ou zainos, alazões amarilhos, baios, tordilhos e castanhos. A novidade desta vez foi o aumento no número de pelagens que contaram com disputas de Grandes Campeonatos. Além da Pampa e da Preta ou Zaina, cujos julgamentos já vinham incluindo essas disputas nas edições anteriores do evento, este ano a exposição teve a realização de Grandes Campeonatos envolvendo as pelagens Alazã Amarilha, baia, tordilha e castanha. Na análise de Marcelo Toledo, as diferentes pelagens da raça se encontram em níveis distintos de seleção. “A Pampa já está mais

Foto: Norberto Cândido

Pelagens em destaque

O Camarote Mangalarga recebeu um grande público.

Os visitantes puderam desfrutar de uma confortável estrutura. Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

11


39ª 3 9ª Expo E Nacional

Por Pedro C. Rebouças Fotos: Norberto Cândido.

A Nacional abriu um importante espaço para as disputas funcionais.

FUNCIONALIDADE EM DESTAQUE

Competições equestres movimentaram a programação da Nacional e exibiram as qualidades funcionais da raça

A

funcionalidade do cavalo Mangalarga mereceu amplo destaque durante a 39ª Exposição Nacional, realizada no mês de setembro, em São João da Boa Vista (SP). Afinal, a principal mostra da raça reservou momentos especiais para as disputas equestres, responsáveis por proporcionar uma dose extra de emoção e adrenalina ao público que compareceu ao Parque de Exposições José Ruy de Lima Azevedo. Na tarde da quarta-feira 20 14

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

de setembro, foram realizadas as competições de Seis Balizas, Três Tambores e Maneabilidade. O Concurso Cavalo Funcional aconteceu, por sua vez, na tarde da quinta-feira 21 de setembro. Além disso, a Nacional contou com as tradicionais provas sociais, realizadas na manhã do sábado 23 de setembro, com disputas nas categorias Mini-mirim, Mirim, Juvenil, Feminina e do Patrão. Na prova de Seis Balizas, as primeiras colocações foram

ocupadas pelos animais Isis do HIC (1º), Quazar do Espinhaço (2º) e Bruma AOR (3º). Nessa disputa, os conjuntos participantes precisavam contornar em alta velocidade as seis balizas colocadas distantes seis metros e meio umas das outras em uma linha reta e voltar ao ponto de partida, demonstrando muita velocidade, grande flexibilidade e coordenação. Já a prova de Três Tambores consagrou os animais Taila 42 (1º), Itália do Vassoural (2º) e Osiris


39ª Expo Nacional onal do Vassoural (3º). Nessa prova de velocidade, o cavalo e o cavaleiro precisavam fazer um percurso no qual estavam dispostos, em forma triangular, três tambores. Quando o focinho do cavalo cruzava a linha de partida, o cronômetro era acionado, os competidores iam então em direção ao primeiro tambor, que devia ser contornado num ângulo de 360º, e depois seguiam em direção aos outros tambores. Após contornar o último tambor, o animal devia galopar em direção à linha de partida e o cronômetro era desligado, encerrando o percurso que exigia bom preparo físico, velocidade e adestramento do cavalo. A prova de Maneabilidade Aberta foi outra disputa que agitou a pista central do recinto de exposição, tendo como principais destaques os animais Honrado do Vassoural (1º), Horneiro do Vassoural (2º) e Nairobi SP do Papu (3º). Nesta competição, os conjuntos participantes precisaram mostrar muita agilidade, velocidade e destreza para superar o trajeto repleto de obstáculos que simulam o trabalho do dia a dia na fazenda. Por sua vez, o Concurso Cavalo Funcional - no qual são considerados os desempenhos dos concorrentes nos julgamentos de marcha e morfologia, assim como sua participação na prova de maneablidade - teve como principais destaques entre os machos os animais Imperial do HIC (Grande Campeão Cavalo do Concurso Cavalo Funcional), Batistuta Cass (1º Reservado Grande Campeão Cavalo do Concurso Cavalo Funcional) e Eldorado do Corumbau (2º Reservado Grande Campeão Cavalo do Concurso Cavalo Funcional). Entre as fêmeas, o destaque ficou por conta de Graziela do Corumbau (Grande Campeã Égua do Concurso Cavalo Funcional), Clara OJC (1ª Reservada Grande Campeã Égua do Concurso

A categoria Feminina teve uma acirrada disputa.

A prova de Seis Balizas exigiu agilidade e velocidade dos participantes.

Horneiro do Vassoural destacou-se na prova de Maneabilidade Aberta. Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

15


39ª 3 9ª Expo E Nacional

A prova do Patrão foi novamente um grande sucesso.

Cavalo Funcional) e Cynderella Mab (2ª Reservada Grande Campeã Égua do Concurso Cavalo Funcional). Realizadas na manhã do sábado 23 de setembro, dia de encerramento da 39ª Expo Nacional, as provas sociais foram responsáveis por um dos momentos mais marcantes do evento. Contando com a participação de crianças, jovens, homens e mulheres apaixonados pela raça, elas reuniram dezenas de participantes e comprovaram toda a docilidade da raça, mostrando também que o futuro do Mangalarga está garantido. Detalhe dos prêmios destinados à criançada.

A categoria Mini-mirim teve bom número de participantes.

16

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


39ª Expo E Nacional

Por Pedro C. Rebouças

O Governador Geraldo Alckimin foi recepcionado pelos mangalarguistas Luis Opice e Mário Barbosa.

VISITA DO GOVERNADOR Geraldo Alckimin prestigiou a mais importante mostra da raça e destacou a importância da equinocultura para a economia paulista e brasileira

A

39ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga recebeu, no fim da tarde de 22 de setembro, a visita do governador de São Paulo Geraldo Alckmin. O governante paulista, que compareceu ao evento na companhia do prefeito de São João da Boa Vista (SP) Vanderlei Borges de Carvalho, foi recepcionado no Parque José Ruy de Lima Azevedo pelo presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) Mário Barbosa e pelo Coordenador da Nacional Luis Augusto de Camargo Opice. Sempre muito requisitado pela imprensa da região, Alckmin percorreu o recinto, recebeu explicações sobre os julgamentos e visitou o Camarote Mangalarga, onde pôde conversar com os criadores e se inteirar um pouco mais sobre a raça. Em seguida, o governador participou da premiação dos campeonatos disputados naquele fim de tarde e realizou um breve discurso para a Família Mangalarga. 18

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Por fim, Geraldo Alckmin concedeu uma entrevista ao portal Lance Rural, responsável pela transmissão ao vivo da Exposição Nacional. Ao longo do bate-papo, que foi comandado pelo jornalista Marcelo Pardini e contou também com a participação do presidente Mário Barbosa e do prefeito Vanderlei Borges, o governador exaltou a qualidade do evento assim como a importância econômica do setor equestre para o País. “Estamos na Exposição

Nacional do Cavalo Mangalarga, um cavalo brasileiro e paulista, aqui da família Junqueira, e que se proliferou por todo o Brasil. Gera emprego, gera renda, uma exposição maravilhosa, parabéns a todos os mangalarguistas”, afirmou Alckmin, cuja visita ao município de São João da Boa Vista incluiu também a entrega de uma nova unidade do Programa Creche Escola, realizada no início da tarde desse mesmo dia. (Com informações adicionais do Portal do Governo de São Paulo). Fotos: Pedro Rebouças

O presidente da ABCCRM Mário Barbosa dá explicações sobre o julgamento da raça ao Governador Geraldo Alckimin.


Nutrição & Saúde Animal

SOLUÇÕES PARA GARANTIR A SAÚDE E O ALTO DESEMPENHO DE SEU ANIMAL

Formulações desenvolvidas com base na experiência adquirida em visitas práticas nos principais criadores e proprietários de cavalos da raça Mangalarga, visando solucionar as reais necessidades do nosso cavalo. 9

TS Reprodução – Sistema Reprodutivo de machos e fêmeas

9

TS Condro Support – Sistema Articular

9

TS Amino Essential – Musculatura e formação tecidual

9

TS Otimizador Digestivo – Sistema Digestório (proteção gástrica e melhoria do aproveitamento do alimento)

9

TS Casco Forte – Casco, pelo e pele

9

TS Pure Creatine – Acabamento muscular

9

TS Race Support – Performance Atlética Para maiores informações consulte nossa equipe técnica: Dr Gerson Franceschini (19) 99813-0810 Dr Thiago D´Angieri (11) 97293-7000


39ª Expo E Nacional

Vanderlei Borges (prefeito de São João), Gabriel Fleury, Heloisa Fleury, Christina Fleury, Perla Fleury e Jairo Hamilton na inauguração do Memorial João Fleury.

Foto: Pedro C. Rebouças

Por Pedro C. Rebouças

PROGRAMAÇÃO MOVIMENTADA Expo Nacional 2017 teve uma agenda recheada de atrações e novidades

A

39ª Exposição Nacional contou com uma movimentada programação social voltada tanto à Família Mangalarga como ao público de São João da Boa Vista (SP). Planejadas com muita atenção, as diversas atividades que agitaram o Parque José Ruy de Lima Azevedo incluíram atrações para as diferentes faixas etárias, procurando proporcionar a todos dias muito agradáveis no principal evento do calendário do Cavalo de Sela Brasileiro. 20

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Segundo Jairo Hamilton, presidente da Sociedade Sanjoanense de Esportes Hípicos (SSEH), entidade responsável pela realização da Nacional ao lado da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), uma das principais preocupações da comissão organizadora foi criar uma programação que proporcionasse atividades para toda a família. “Nossa ideia era que as crianças, jovens e mulheres que

viessem acompanhar os criadores encontrassem aqui uma forma divertida e agradável de ocupar seu tempo. Dessa maneira, além das atividades em pista, procuramos desenvolver uma série de atrações extras que ajudaram a motivar as pessoas que não estão diretamente ligadas aos julgamentos a participarem da Nacional.” Para a Diretora de Marketing da ABCCRM, Flávia Raucci, os eventos sociais “bombaram” nesta Nacional. “A nossa programação esteve


39ª Expo Nacional onal recheada de atrações e novidades. Tivemos vários ‘workshops’ e palestras voltadas ao público mangalarguista, ‘test-drive’ com Mangalargas, aula de equitação, exposições e homenagens a antigos criadores. Tivemos também, como forma de atração ao público da cidade, shows diários com duplas sertanejas, conjuntos e cantores regionais. Além disso, a Nacional foi encerrada com uma grande confraternização. Tudo isso regado a música boa e alegria!” O Happy Hour Mangalarga foi um dos destaques da programação e contou com apresentações que

animaram as noites da 39ª Expo Nacional. Entre os artistas que participaram desses animados encontros, estavam as duplas Pitt Aliende e Patrícia Zanetti, Sérgio e Thiago, Henrique e Guilherme e Eurico e Ernane, além dos músicos Raffael Marques e Paulinho Sgassabia. As atrações do evento incluíram ainda o Memorial João Fleury, responsável por mostrar um pouco da trajetória deste atuante médico veterinário cuja pioneira contribuição no campo da reprodução equina foi muito expressiva para o setor, e a mostra

fotográfica Mangalarga do Século XXI, que apresentou o trabalho de criatórios de grande relevância na raça a partir da talentosa lente do fotógrafo Leonardo Beraldo. A programação incluiu ainda uma agradável visita à Vinícola Guaspari, no município vizinho de Espírito Santo do Pinhal (SP). Realizado na manhã da quinta-feira 21 de setembro, o passeio contou com a participação de criadores da Bahia e de Goiás, acompanhados por seus familiares, que aproveitaram a oportunidade de conhecer melhor os encantos da região. Já na tarde da sexta-feira, o

Foto: Norberto Cândido

Foto: Norberto Cândido

A Nacional contou com uma bonita homenagem a criadores de renome na raça.

O Test-Drive Mangalarga foi uma das atrações da programação. Foto: Pedro C. Rebouças

Foto: Pedro C. Rebouças

O Espaço Kids garantiu a diversão da garotada.

O piloto Ingo Hoffmann falou de seu projeto social durante a Nacional. Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

21


39ª Expo E Nacional Foto: Norberto Cândido

O cantor Raffael Marques foi destaque no Happy Hour Mangalarga.

Um desfile de moda movimentou o Camarote Mangalarga na noite de 21 de setembro. 22

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Foto: Pedro C. Rebouças

Os criadores puderam curtir uma gostosa harmonização de vinhos com carne de carneiro. Foto: Norberto Cândido

O criador João Pacheco com o Cavaleiro das Américas Filipe Masetti.

Foto: Norberto Cândido

ex-piloto de Fórmula 1 e dono de doze títulos da Stock Car, e com o Cavaleiro das Américas Filipe Masetti Leite, que lançou seu livro no evento e contou um pouco de sua incrível e inspiradora jornada a cavalo do Canadá até Barretos (SP). Além disso, a criançada pôde se divertir muito no evento, aproveitando para passear a cavalo no “Test-Drive Mangalarga” e para brincar no “Espaço Kids”, cujas atrações incluíam parede de escalada, pula-pula e um completo playground. Por fim, a tradicional confraternização dos criadores encerrou em grande estilo a programação, na noite do sábado 23 de setembro, com um animado show com o cantor Emanuel Henrique. Foto: Norberto Cândido

destaque foi a homenagem a um seleto gupo de criadores, cuja contribuição à raça foi muito importante. Comandada pelo presidente da ABCCRM Mário Barbosa e pelo coordenador da exposição Luis Augusto Opice, a solenidade homenageou os criadores Paulo Sérgio Barbanti, Reginaldo Bertholino, Antonio Caetano Pinto, Nilton Bartoli, Plínio Brotero Junqueira, Felippe de Paula Cavalcanti, José Oliveira Prado, Clodoaldo Antonangelo e Ivan Antonio Aidar. As atrações, entretanto, não pararam por aí. Afinal, o Camarote Mangalarga foi palco de uma série de atividades, como um badalado desfile de moda, que contou com a participação de charmosas modelos mangalarguistas, e concorridas palestras com Ingo Hoffmann,

Rose Vasconcellos, Débora Martins, Maria Helena Franco, Arthur Franco, Silvia Zarif, Marcelo Zarif, Suzana Oliveira e Marcelo Ranulfo participaram da visita à Vinícola Guaspari.


PÉROLA NEGRA DO HRE Rei de Ouros 42 x Suiça RPN

2º RES.

Grande Campeã

Potranca

Pelagem Preta Nacional

2017

Campeã Jaú 2016 Campeã Lins, Monte Sião, Avaré, Guaxupé, Araçatuba, Jacareí e Lins 2017.

1º Lugar no Ranking de Potrancas Pelagem Preta 2017. O HARAS R.E. SE PREPARA PARA 2018, E PROMETE MUITAS NOVIDADES PARA AS PRÓXIMAS EXPOSIÇÕES. AGUARDEM!

Araçariguama – SP Rod. Castelo Branco, km 54 - SP PRODUTOS À VENDA

96842 5451

99965 5613 (Sergio)

harasre@gmail.com


39ª Expo E Nacional

Foto: Pedro C. Rebouças

Por Pedro C. Rebouças

Dalva Marques dá orientações durante a clínica de equitação.

INFORMAÇÃO DE QUALIDADE A 39ª Nacional Mangalarga também fez questão de levar informação e conhecimento à Família Mangalarga

A

agenda de cursos, palestras e clínicas foi um dos principais diferenciais da 39ª Exposição Nacional, realizada no Parque José Ruy de Lima Azevedo, em São João da Boa Vista (SP), no período de 14 a 23 de setembro. Afinal, esta iniciativa proporcionou informação de qualidade à comunidade mangalarguista ao mesmo tempo em que atraiu um público extra para conhecer a raça. A Clínica da Associação dos Ferradores do Brasil (AFB), que foi realizada em dois dias e incluiu também uma Competição de Ferrageamento, foi uma das atividades mais concorridas do 26

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

primeiro final de semana do evento, reunindo dezenas de pessoas em um dos pavilhões do recinto de exposição. Organizado pelo Sindicato Rural de São João da Boa Vista e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o curso de seleiro foi outra importante atração da programação paralela da Nacional. Dividido em cinco módulos ao longo do evento, permitiu que os participantes aprendessem o passo a passo para a produção de uma sela. Além disso, as duas selas Mangalargas produzidas no decorrer do curso foram sorteadas entre os inscritos.

No sábado 16 de setembro, a agenda da Nacional incluiu duas atrações mais voltadas aos amantes do Cavalo de Sela Brasileiro: a palestra com João Quadros, conceituado técnico e jurado da ABCCRM, que abordou a história, a morfologia e a marcha da raça, e a clínica comandada pela apresentadora e treinadora Dalva Marques, cujas atividades incluíram noções básicas e aula prática de equitação, além de orientações sobre a toada ideal para as provas de marcha. Outro destaque da programação foi a conferência sobre “Coleta e avaliação de sêmen equino a campo”,


39ª Expo E Nacional Equestre, apresentada pelo jovem endurista e mangalarguista Jorge Eustáquio Miranda Araujo, integrante da Equipe Catetinho, que vem se destacando nas provas da modalidade disputadas no Distrito Federal.

Foto: Pedro C. Rebouças

A primeira delas abordou o tema da Doma Inteligente e foi ministrada pelo médico veterinário e reitor da Universidade do Cavalo Aluisio Marins. Em seguida, foi a vez da palestra sobre as aptidões e possibilidades do cavalo Mangalarga para o Enduro

Foto: Pedro C. Rebouças

oferecida pelo Senar e conduzida pelo médico veterinário Guilherme de Luca Figueira Costa, na noite da quarta-feira 20 de setembro. As atividades, entretanto, não pararam por aí, com outras duas palestras ocorrendo na manhã da sexta-feira 22 de setembro.

O evento também incluiu uma clínica de ferrageamento. Foto: Pedro C. Rebouças

Foto: Pedro C. Rebouças

Detalhes dos arreios produzidos pelos participantes do curso de seleiro.

Aluisio Marins ministrou palestra sobre Doma Inteligente.

João Quadros falou sobre a história, a morfologia e a marcha da raça.

Jorge Eustáquio falou sobre as possibilidades da raça no enduro.

28

Foto: Pedro C. Rebouças

Foto: Flávia Raucci.

A palestra sobre reprodução atraiu estudantes e profissionais da área.

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


LUA NEGRA DO EPL (T.E.) (Limoeiro OBC X Fábrica da Janga)

Classificação Ótima • Campeã Nacional Égua de Marcha e Geral pelagem Preta 2017 • Grande Campeã Égua de Marcha e Geral pelagem Preta 2017 • 1º Lugar no Ranking Égua pelagem Preta 2017 • Campeã Brasileira Égua pelagem Preta 2017 • Campeã Égua de Marcha e Geral pelagem Preta em Bauru, Monte Sião e Amparo 2017 • Reservada Campeã na Copa de Marcha de Mogi Mirim 2017 • Reservada Grande Campeã Nacional Potranca pelagem Preta 2015

VENDA DE BARRIGAS E EMBRIÕES EEssttáá alo lojjaada da no CT CTEE RP PN eem m Saan nto to Ant ntôn ntôn ônio io de P Pooss sse (S (SP) P) a 30 30 min inu uttos os de Ca Camp mpin inaass.

Contato: Rodrigo Paradeda (11) 99156-3660


39ª Expo E Nacional Foto Pedro Rebouças.

Por Pedro C. Rebouças

SUCESSO DE MÍDIA Principal mostra do calendário mangalarguista, a 39ª Expo Nacional despertou grande interesse tanto da imprensa como das redes sociais

30

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

uma ampla cobertura do Canal Rural, que foi um dos parceiros da exposição deste ano. Tudo isso possibilitou que a visibilidade do evento fosse ampliada de forma expressiva”, ressaltou o dirigente. Principal emissora voltada ao agronegócio brasileiro, o Canal Rural dedicou um grande espaço em seu noticiário para mostrar o principal evento do Cavalo de Sela Brasileiro, realizando diariamente três entradas ao vivo em seus telejornais direto do Parque José Ruy de Lima Azevedo. Além disso, a mesma rede de comunicação foi responsável pela transmissão em tempo real da mostra, por meio do portal Lance Rural, plataforma

multimídia responsável pelas transmissões online do grupo, e do Rural X, canal via parabólica transmitido para todo país. A cobertura do evento, entretanto, não parou por aí. Diversas emissoras e programas de televisão passaram pelo recinto de exposição. A equipe da EPTV, afiliada da rede Globo no interior paulista, realizou uma rica reportagem para o seu Foto: EPTV

A

39ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga, realizada no município de São João da Boa Vista (SP), entre os dias 14 e 23 de setembro, mereceu uma ampla cobertura da mídia ao longo de toda a sua programação. Segundo João Frugis, diretor de Marketing da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), a mais aguardada mostra da raça teve forte repercussão tanto na imprensa especializada como entre os meios de comunicação da região. “Este ano, foi realizada uma expressiva divulgação da Nacional junto à mídia. Além disso, a Nacional teve

Luis Augusto Opice foi entrevistado para o Jornal da EPTV.


O Diretor Técnico da ABCCRM Lourenço Botelho concede entrevista para o Canal Rural. Foto Flávia Raucci.

A mostra mereceu ainda um expressivo espaço nas páginas e capas da mídia impressa. Mais expressivas publicações da cidade sede, os jornais O Município e Gazeta de São João veicularam inúmeras reportagens antes, durante e após o evento, que hoje se destaca entre os mais importantes do calendário são-joanense. Entre os veículos de comunicação dedicados à equinocultura e ao agronegócio, o destaque ficou para as coberturas realizadas pelo jornal Cavaleiro News, pela Revista Horse e pelo Jornal do Produtor. A 39ª Nacional ainda foi destaque em diversos portais de grande alcance na internet, como: Página Rural, Info Horse, Clube do Hipismo, Portal do Agronegócio, Cavalus, Portal Cavaleiro News, Portal Revista Horse e Tribuna Lusitana, entre outros. Além disso, a mostra teve expressiva repercussão nas principais redes sociais da internet, com a Equipe Mangalarga atualizando de

Marcelo Pardini entrevistou a Cônsul da China durante a transmissão do Portal Lance Rural.

forma contínua as páginas da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) no Facebook, Whatsapp e Instagram com notícias, resultados e imagens, o que permitiu que os apaixonados pela raça ficassem muito bem informados no decorrer dos dez dias de atividades da exposição.

Foto Pedro Rebouças.

Foto Pedro Rebouças.

principal telejornal, o Jornal da EPTV. Por sua vez, a TV União, emissora regional de São João da Boa Vista, esteve no evento para cobrir o desfile das bandeiras e a cerimônia oficial de abertura desta 39ª edição. A mídia especializada também dedicou bastante atenção à Expo Nacional 2017. O Programa Revista do Campo, veiculado para todo país pela RIT TV, dedicou uma ampla reportagem para o evento, produzida pelo repórter Gustavo Batista. Por sua vez, o Programa Prosa Caipira, comandado por João Sérgio Januzelli na TV Serra Azul, de São João da Boa Vista, realizou a cobertura de diversas atividades da agenda social da exposição, como a cerimônia de abertura, a visita do piloto Ingo Hoffman e a visita do governador Geraldo Alckmin. Já o programa Horse TV, comandado pelo jornalista Marcelo Mastrobuono, veiculou uma interessante matéria sobre a visita da comitiva chinesa à Nacional.

Foto Pedro Rebouças.

39ª Expo E Nacional

A Diretora de Marketing da ABCCRM Flávia Raucci conversa com João Sérgio Januzelli, do Programa Prosa Caipira. 32

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

O criador Marcelo Zarif é entrevistado por Marcelo Mastrobuono, da Revista Horse TV.


39ª Expo E Nacional

Por Pedro C. Rebouças

PARCERIAS DE SUCESSO Principal evento da raça contou com o respaldo de conceituadas empresas para proporcionar uma confortável acolhida à Família Mangalarga

A grife Polo Wear confeccionou as camisetas desta Nacional.

O

notável êxito da 39ª Exposição Nacional pode ser atribuído a uma série de motivos, como o grande empenho dos organizadores, a calorosa acolhida da população sãojoanense e a adesão maciça por parte dos criadores da raça. Entretanto, um aspecto merece destaque especial nesse cenário. Trata-se da importante parceria de conceituadas empresas e instituições, cujo patrocínio ou apoio foi fundamental para tornar a programação mais atraente e aprimorar a estrutura do parque de exposição. Entre os principais parceiros da Nacional 2017, destacam-se marcas consagradas tais como: 34

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

A Qualy Nutrição Animal recepcionou os criadores no Camarote Mangalarga.

Polo Wear, Qualy Nutrição Animal, Tarjab (B & B Hotéis), Canal Rural, Nutrivet, Toyota Nippokar, Grupo RVM/Café Barão de Guaxupé, Roberto Chaim Móveis, Sindicato Rural de São João da Boa Vista, Faesp (Federação da Agricultura do Estado de São Paulo), Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), Centro Universitário Unifeob e Ritmo Chevrolet. Experiência de sucesso A grife Polo Wear participou da mostra pelo segundo ano consecutivo. Na opinião de Lauro Traldi, Diretor da Polo Wear, ter a marca associada à raça Mangalarga é sempre uma

oportunidade muito produtiva. “Mangalarga é Mangalarga! Se você perguntar o nome de uma raça de cavalo para qualquer leigo Brasil afora, a resposta vai ser Mangalarga. Então, para nós é muito satisfatório podermos nos alinhar e criar essa parceria que eu acho que é extremamente positiva.” Para o Diretor Comercial da Qualy Nutrição Animal Leandro Sabadini, “a presença da empresa na 39ª Nacional consolida uma parceria que, na prática, já ocorre no campo com vários criadores da raça”. Referência em rações de equinos de alta performance, a Qualy esteve presente ao longo de todo o evento com um espaço especial no


39ª Expo Nacional onal

O Sistema Faesp/Senar promoveu concorridas palestras.

A Ritmo Chevrolet apresentou seus veículos ao público da Nacional.

Camarote Mangalarga, onde seus representantes tiveram oportunidade de estreitar laços com criadores e usuários da raça. A Nutrivet foi outra empresa que marcou presença nessa Nacional. Considerada a mais completa farmácia veterinária focada em equinos do Brasil, a Nutrivet contou com um concorrido estande ao lado da pista de julgamento do evento. Segundo Fabio Parizi, diretor da empresa, foi muito importante participar da exposição. “Nosso objetivo com essa participação foi prestigiar a raça e estreitar laços com os mangalarguistas. Afinal, 80% dos criadores de Mangalarga são nossos clientes.”

o B&B Hotel São Paulo Luz. “Eu percebi neste importante evento do cavalo Mangalarga, do qual, aliás, também sou criador, uma oportunidade de atingir um público novo e com forte potencial para investir no B&B Hotel São Paulo Luz. Além disso, percebemos nesta parceria uma boa ocasião para entrar em contato com o público do interior paulista, região em que temos constatado uma forte demanda por este gênero de investimento.” Fulaz explica ainda que a Tarjab está completando 34 anos de uma bem-sucedida trajetória e vem querendo expandir seus negócios neste momento de celebração. “Nós temos procurado apresentar a empresa e seus lançamentos a investidores de diferentes perfis. Na Nacional Mangalarga, foi isso que aconteceu, apresentamos aos criadores e aos visitantes do evento um modelo de negócio diferenciado e atraente, que pode ser uma ótima opção para quem deseja diversificar os investimentos. Assim, acredito que este foi o ponto de partida para uma relação que promete ser ainda muito

Novos investidores Responsável pela área comercial da Tarjab, conceituada incorporadora e construtora com forte atuação nos mercados dos estados de São Paulo e Paraná, Rodolfo Sanchez Fulaz viu na Expo Nacional uma ótima oportunidade para ampliar o público do mais recente empreendimento da empresa na capital paulista,

O Grupo RVM apresentou o café gourmet Barão de Guaxupé.

O estande da Nutrivet deu apoio aos expositores ao longo da exposição.

produtiva e duradoura.” Na opinião de Patrícia Opik, Coordenadora do Núcleo Equestre do Canal Rural, grupo de mídia que realizou a transmissão ao vivo da Nacional, a participação no evento foi o início de uma parceria duradoura com a raça Mangalarga. “Foram intensos dez dias, com 120 horas de transmissões e uma cobertura jornalística completa do maior evento da raça, com 12 matérias exibidas no Canal Rural e 58 publicações nas nossas redes sociais. E todo esse conteúdo obteve mais de 20 mil acessos. Foi um sucesso de audiência! Além disso, não podemos deixar de citar a calorosa receptividade de toda a diretoria da Mangalarga conosco, ficamos lisonjeados com a atenção que tivemos dessa importante comunidade no cavalo brasileiro.” Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

35


Fotos: Norberto Cândido.

GALERIA DOS GRANDES

CAMPEÕES Cynderela MAB 2ª Reservada Grande Campeã Égua do Concurso Cavalo Funcional 2017 Criador: Mario A. Barbosa Neto Expositor: Haras Precioso Ltda.

Eldorado do Corumbau (T.E.)

Clara OJC (T.E.)

Graziela do Corumbau (T.E.)

1ª Reservado Grande Campeã Égua do Grande Campeã Égua do Concurso Cavalo Concurso Cavalo Funcional 2017 Funcional 2017 Criador: OJC Empr. e Participações Ltda Criador: Corumbau Part. e Serviços Ltda Expositor: Alexandre de Oliveira Ribeiro Expositor: Almiro Esteves Junior

2º Reservado Grande Campeão do Concurso Cavalo Funcional 2017 Criador: Corumbau Part. e Serviços Ltda Expositor: Corumbau Part. e Serviços Ltda

Batistuta CASS (T.E.)

Imperial do H.I.C. (T.E.)

1º Reservado Grande Campeão do Concurso Cavalo Funcional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

Grande Campeão do Concurso Cavalo Funcional 2017 Criador: Israel Iraides da Costa Expositor: HIC Agropecuária Ltda.

Fábula do A.E.J. (T.E.)

Alemanha do EFI (T.E.)

Esperança do LOBO C.C.P. (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem Nacional 2017 Criador: Almiro Esteves Junior Expositor: Tiago César de Paula 36

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Grande Campeã Potranca Pelagem 1º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem Nacional 2017 Nacional 2017 Criador: Carlos Cesar Perez Iembo Criador: Eduardo Figueiredo Augusto Expositor: Eduardo Figueiredo Augusto Expositor: Cristiano R. Benzota de Carvalho


Jandaia do Corumbau

Delícia CASS (T.E.)

Imaculada do Corumbau (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Potranca Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Corumbau Partic. e Serv. Ltda Expositor: Corumbau Partic. e Serv. Ltda.

1º Res. Grande Campeã Potranca Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Eduardo Figueiredo Augusto

Grande Campeã Potranca Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Corumbau Partic. e Serv. Ltda Expositor: Corumbau Partic. e Serv. Ltda

Virtude do EFI (T.E.)

Hagata LPC (T.E.)

Pérola Negra do HRE 2º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Sergio Rodrigues de Almeida Expositor: Sergio Rodrigues de Almeida

Geórgia do PEC (T.E.)

1º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem Grande Campeã Potranca Pelagem Preta Preta ou Zaina Nacional 2017 ou Zaina Nacional 2017 Criador: Eduardo Figueiredo Augusto Criador: Leandro Pasqualini de Carvalho Expositor: Eduardo Figueiredo Augusto Expositor: Leandro Pasqualini de Carvalho

Divina CASS (T.E.)

Suécia da Piratininga (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem 1º Res. Grande Campeã Potranca Pelagem Grande Campeã Potranca Pelagem Pampa Pampa Nacional 2017 Pampa Nacional 2017 Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Criador: Paulo Eduardo Correa da Costa Criador: Luiz Aparecido de Andrade Expositor: Felipe Hamilton Loureiro Expositor: Paulo Eduardo Correa da Costa Expositor: Luiz Aparecido de Andrade

Europa da Sabaúna (T.E.)

Carabina CASS (T.E.)

Ipanema do Morro Agudo (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Potranca Nacional 2017 Criador: Joaquim Bento de Souza Neto Expositor: Agropecuária Sinhá Maria Ltda

1º Res. Grande Campeã Potranca Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

Grande Campeã Potranca Nacional 2017 Criador: Fazenda Morro Agudo Ltda Expositor: Haras Precioso Ltda

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

37


Nuget do Urso Branco

Zurick do EFI (T.E.)

Petróleo VJC (T.E.)

2º Reservado Grande Campeão Potro Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Jonas Antônio Montezel Expositor: Charlston Carlos Batzel

1º Reservado Grande Campeão Potro Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Eduardo Figueiredo Augusto Expositor: Lucas Sangali Augus

Grande Campeão Potro Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Vinicius João Curi Expositor: Vinicius João Curi

Hisdano do PEC (T.E.)

Impacto Três Rios

Bellagio da Braido (T.E.)

2º Reservado Grande Campeão Potro Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Paulo Eduardo Correa da Costa Expositor: Paulo Eduardo Correa da Costa

1º Reservado Grande Campeão Potro Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Armando Raucci Expositor: Paula Fernandes de Souza

Grande Campeão Potro Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Nelson Antônio Braido Expositor: Nelson Antônio Braido

Indiano G.Z. (T.E.)

Diamante do GADU (T.E.)

Barreto do Espinhaço

2º Reservado Grande Campeão Potro Nacional 2017 Criador: Geraldo Zinato Expositor: Geraldo Zinato

1º Reservado Grande Campeão Potro Nacional 2017 Criador: Guilherme Pompeu Piza Saad Expositor: Almiro Esteves Junior

Grande Campeão Potro Nacional 2017 Criador: Emiliano Abraão Sampaio Novais Expositor: Corumbau Participações e Serviços Ltda

Naiobi SP do PAPU

Traituba da Origem

Celeste do GADU (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Arnaldo de Almeida Prado Filho Expositor: Sergio Luiz Dobarrio de Paiva

1º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Fernando Ferrucio Rivaben Expositor: Martinho Vasconcellos de Oliveira

Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Guilherme Pompeu Piza Saad Expositor: Fábio Tarpinian

38

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Zagaia da Bica

Elba ACF (T.E.)

Eureca Mangabaia (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: João Pacheco Galvão de França Expositor: Carlos Eduardo Prado

1º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Antônio Carlos Ferreira Expositor: Jorge Eduardo Beira

Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Paulo Pacheco Silveira Expositor: Paulo Pacheco Silveira

Divina do A.E.J. (T.E.)

Flora LPC

Lua Negra do EPC (T.E) - LPC

2º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Almiro Esteves Junior Expositor: Jorge Eduardo Beira

1º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Leandro Pasqualini de Carvalho Expositor: Eduardo Silvestri Ribeiro

Grde Campeã Égua de Marcha Pelag. Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Eugenio Paceli Lopes Expositor: Francisco Geraldo Franco Junior

Clorofila OJ

Diva do GADU (T.E.)

Francesa Donalt (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Oscar Antonio Jannes (Esp.) Expositor: Haras Fabuloso Ltda

1º Res. Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Guilherme Pompeu Piza Saad Expositor: Haras São Bento Ltda

Grande Campeã Égua de Marcha Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Natal Francisco Ribeiro Expositor: Jorge Eduardo Beira

Bilara CASS (T.E.)

Glamur RB (T.E.)

Graziela do Corumbau (T.E.)

2º Reservada Grande Campeã Égua de Marcha Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

1º Reservada Grande Campeã Égua de Marcha Nacional 2017 Criador: Reginaldo Bertholino Expositor: Fernando Tardioli Lúcio de Lima

Grande Campeã Égua de Marcha Nacional 2017 Criador: Corumbau Part. e Seviços Ltda Expositor: Almiro Esteves Lunior

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

39


Orgulho JUJA

Fandango RJF Boa Vista

Ximarrock do Mont Serrat (T.E.)

2º Res. Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Urbano Junqueira de Andrade Expositor: Urbano Junqueira de Andrade

1º Res. Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Roberto Diniz Junqueira Filho Expositor: Roberto Diniz Junqueira Filho

Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Nacional 2017 Criador: Sérgio Luiz Dobarrio de Paiva Expositor: Hélio Korman

Magnifico do Vassoural

Diamante MAB (T.E.)

1º Res. Grande Campeão Cavalo de 2º Res. Grande Campeão Cavalo de Marcha Pel. Alazã Amarilha Nacional 2017 Marcha Pel. Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Mario A. Barbosa Neto Criador: Beatriz Biagi Becker Expositor: Mario A. Barbosa Neto Expositor: Fernando Rodrigues Ortiz

Guri Mangabaia (T.E.) Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Paulo Pacheco Silveira Expositor: Ricardo Urbano Nassar

Negresco da Malagueta

Zorro TJC

Feitiço LPC (T.E.)

2º Res. Grande Camp. Cavalo de Marcha Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Wladimir Alvares de Mello Expositor: Wladimir Alvares de Mello

1º Res. Grande Camp. Cavalo de Marcha Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Thomaz Jefferson de Carvalho Expositor: Fazenda São Pedro

Grande Camp. Cavalo de Marcha Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Leandro Pasqualini de Carvalho Expositor: Geraldo T. Pereira Lima Filho

Puma R.M.

Faveiro Donat (T.E.)

Eldorado do Corumbau (T.E.)

2º Reservado Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Roberto Montenegro Filho Expositor: Tiago César de Paula

1º Reservado Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Natal Francisco Ribeiro Expositor: Haras Fabuloso Ltda

Grande Campeão Cavalo de Marcha Pelagem Pampa Nac. 2017 Criador: Corumbau Partic. e Serv. Ltda Expositor: Corumbau Partic. e Serv. Ltda

40

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Luar do H.I.C. (T.E.)

Faisão ACF

Balé ACF

2º Reservado Grande Campeão Cavalo de Marcha Nacional 2017 Criador: HIC Agropecuária Ltda Expositor: Fernando Tardioli Lúcio de Lima

1º Reservado Grande Campeão Cavalo de Marcha Nacional 2017 Criador: Antônio Carlos Ferreira Expositor: Haras Precioso Ltda

Grande Campeão Cavalo de Marcha Nacional 2017 Criador: Antônio Carlos Ferreira Expositor: Roberto Diniz Junqueira Filho

Celeste do GADU (T.E.)

Isis do H.I.C. - (T.E.)

Xepinha do Mont Serrat

2º Reservada Grande Campeã Égua Pelagem Nacional 2017 Criador: Guilherme Pompeu Piza Saad Expositor: Fábio Tarpinian

1º Reservada Grande Campeã Égua Pelagem Nacional 2017 Criador: Israel Iraides da Costa Expositor: Roberto Diniz Junqueira Filho

Grande Campeã Égua Pelagem Nacional 2017 Criador: Sérgio Luiz Dobarrio de Paiva Expositor: Fazenda São Pedro

Zagaia da Bica

Elba ACF (T.E.)

Eureca Mangabaia (T.E.)

2º Reservada Grande Campeã Égua Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: João Pacheco Galvão de França Expositor: Carlos Eduardo Prado

1º Reservada Grande Campeã Égua Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Anônio Carlos Ferreira Expositor: Jorge Eduardo Beira

Grande Campeã Égua Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Paulo Pacheco Silveira Expositor: Paulo Pacheco Silveira

Divina do A.E.J. (T.E.)

Flora LPC

Lua Negra do EPC (T.E.)

2º Reservada Grande Campeã Égua Nacional 2017 - Pelagem Preta ou Zaina Criador: Almiro Esteves Junior Expositor: Jorge Eduardo Beira

1º Res. Grande Campeã Égua Nacional 2017 - Pelagem Preta ou Zaina Criador: Leandro Pasqualini de Carvalho Expositor: Eduardo Silvestri Ribeiro

Grande Campeã Égua Nacional 2017 Pelagem Preta ou Zaina Criador: Eugenio Paceli Lopes Expositor: Francisco Geraldo Franco Junior Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

41


Diva do GADU (T.E.)

Duquesa do A.E.J. (T.E.)

Formosa do PEC (T.E.)

2º Res. Grande Campeã Égua Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Guilherme Pompeu Piza Saad Expositor: Haras São Bento Ltda

1º Res. Grande Campeã Égua Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Almiro Esteves Junior Expositor: Luiz Gustavo Alves Esteves

Grande Campeã Égua Pelagem Pampa Nacional 2017 Criador: Paulo Eduardo Correa da Costa Expositor: Paulo Eduardo Correa da Costa

Bilara CASS (T.E.)

Bavária CASS (T.E.)

Graziela do Corumbau (T.E.)

2º Reservada Grande Campeã Égua Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

1º Reservada Grande Campeã Égua Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

Grande Campeã Égua Nacional 2017 Criador: Corumbau Participações e Serviços Ltda Expositor: Almiro Esteves Junior

Ximarrock do Mont Serrat (T.E.)

Bracelete da Jauaperi

Fandango RJF Boa Vista

2º Res. Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Sergio Luiz Dobarrio de Paiva Expositor: Hélio Korman

1º Res. Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Companhia Jauaperi de Imóveis Expositor: Luiz Fernando Rossini Pugliesi

Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Roberto Diniz Junqueira Filho Expositor: Roberto Diniz Junqueira Filho

Diamante MAB (T.E.)

Magnifico do Vassoural

Guri Mangabaia (T.E.)

2º Reservado Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Mário A. Barbosa Neto Expositor: Mário A. Barbosa Neto

1º Res. Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Beatriz Biagi Becker Expositor: Fernando Rodrigo Ortiz

Grande Campeão Cavalo Pelagem Nacional 2017 Criador: Paulo Pacheco Silveira Expositor: Ricardo Urbano Nassar

42

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Feitiço LPC (T.E.)

Negresco da Malagueta

Zorro TJC

2º Res. Grde Camp. Cavalo Pel. Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Leandro Pasqualini de Carvalho Expositor: Geraldo Tavares Pereira L. Filho

1º Res. Grde Camp. Cavalo Pel. Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Wladimir Alvares de Mello Expositor: Wladimir Alvares de Mello

Grande Campeão Cavalo Pelagem Preta ou Zaina Nacional 2017 Criador: Thomas Jefferson de Carvalho Expositor: Fazenda São Pedro

Eufrates do PEC (T.E.)

Fasano do PEC (T.E.)

Eldorado do Corumbau (T.E.)

2º Res. Grande Campeão Cavalo Pelagem 1º Res. Grande Campeão Cavalo Pelagem Grande Campeão Cavalo Pelagem Pampa Pampa Nacional 2017 Pampa Nacional 2017 Nacional 2017 Criador: Paulo Eduardo Correa da Costa Criador: Paulo Eduardo Correa da Costa Criador: Corumbau Part. e Serv. Ltda. Expositor: Paulo Eduardo Correa da Costa Expositor: Paulo Eduardo Correa da Costa Expositor: Corumbau Part. e Serv. Ltda.

Batistuta CASS (T.E.)

Luar do H.I.C. (T.E.)

Franco do Morro Agudo (T.E.)

2º Reservado Grande Campeão Cavalo Nacional 2017 Criador: Cassiano Terra Simão Expositor: Cassiano Terra Simão

1º Reservado Grande Campeão Cavalo Nacional 2017 Criador: HIC Agropecuária Ltda Expositor: Fernando Tardioli Lúcio de Lima

Grande Campeão Cavalo Nacional 2017 Criador: Fazenda Morro Agudo Ltda Expositor: Luiz Aparecido de Andrade

Eros H.D.R. (T.E.)

Abante Romano (T.E.)

Grande Campeão Potro Pelagem Alazã Amarilha Nacional 2017 Criador: Décio Rupolo Expositor: Décio Rupolo

Grande Campeão Potro Pelagem Nacional 2017 Criador: Roberto Lourenço Romano Expositor: Roberto Lourenço Romano

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

43


Mercado & Finanças Merc

Por Pedro C. Rebouças Fotos: Norberto Cândido

MERCADO AQUECIDO Remates da Expo Nacional 2017 atraíram um grande público e proporcionaram bons negócios aos apaixonados pela raça

O

mercado do Cavalo de Sela Brasileiro esteve bastante aquecido durante a 39ª Exposição Nacional Mangalarga. Afinal, dois concorridos leilões movimentaram os negócios durante a mais tradicional mostra da raça, levando um expressivo público ao Tatersal do Parque de Exposições José Ruy de Lima Azevedo, em São João da Boa Vista (SP). Realizado na noite da quintafeira 21 de setembro, o Leilão Nacional Mangalarga foi o primeiro a acontecer, ofertando 37 lotes, entre os quais estavam reprodutores, matrizes, potros e potrancas com diversas premiações em pista e provenientes das principais linhagens da raça Mangalarga. Segundo a Business Leilões, empresa leiloeira responsável pela organização dos remates, o Leilão Nacional Mangalarga alcançou uma cotação média de R$ 21,1 mil. 44

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Os lotes mais valorizados do evento foram compostos pela jovem fêmea tordilha Fragata LPC (Popó Juja em Cristal do Vassoural), vendida pelo criador mineiro Leandro Pasqualini de Carvalho para o selecionador fluminense Ricardo Erthal por R$ 52 mil, e pela premiada égua preta

Donna do PEC (Monteblanco do PEC em Quixadá do PEC), ofertada pelo Haras Quilombo dos Palmares e adquirida por Claudiomiro Pereira por R$ 42 mil. Já o Leilão Elite Mangalarga aconteceu na noite da sexta-feira 22 de setembro e foi prestigiado

Um público recorde acompanhou o Leilão Nacional Mangalarga.


Mercado & Finanças nças por comitivas mangalarguistas de diversos estados brasileiros, como Bahia, Pará e Goiás. De acordo com a Business Leilões, este aguardado remate, que contou com um catálogo composto por 35 lotes de alta genética da raça Mangalarga, obteve uma cotação média de R$ 38,2 mil. Os leilões Nacional Mangalarga e Elite Mangalarga tiveram ainda o apoio da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) e da Sociedade Sanjoanense de Esportes Hípicos (SSEH). Além disso, foram transmitidos em tempo real pelo Canal Business. Para obter mais informações sobre os remates realizados durante a Exposição Nacional 2017, entre em contato com a Business Leilões pelo endereço eletrônico business@ businessleiloes.com.br ou pelo telefone (21) 2491-3808.

O Leilão Elite ofertou produtos de linhagens consagradas da raça.

Criadores de diversas regiões do Brasil prestigiaram o Leilão Elite.

LEILÃO HARAS JAÓ Evento promoveu um animado encontro dos amantes da pelagem Pampa atingimos uma média de R$ 22 mil, dentro do que estávamos desejando. Além disso, o lugar era maravilhoso, a organização ótima e o ambiente estava muito agradável, contando com a presença de um ótimo público de quase 500 pessoas.” Ainda de acordo com o promotor do remate, o principal destaque da tarde foi a jovem fêmea pampa Jalice do Jaó, que mereceu um investimento de R$ 35 mil por parte da criadora Patrícia Renovato, da cidade

de Boa Vista (RR). Promovido pelo Haras Jaó, o leilão foi conduzido pelo leiloeiro rural José Luiz Lobo Neto e contou com a organização de Prime Selection e Julio Paixão Leilões. Foto: Norberto Cândido

O Helvetia Riding Center, localizado em Indaiatuba (SP), foi palco do 4º Leilão Haras Jaó e Amigos. O remate, realizado na tarde do sábado 21 de outubro, movimentou o mercado do Mangalarga Colorido, em especial da pelagem Pampa de Preto, especialidade do criatório promotor do evento. Titular do Haras Jaó, Jamir Alves de Oliveira ficou satisfeito com essa quarta edição do leilão. “Foi um evento bom, vendemos quase tudo e

Jamir Oliveira com sua filha Verônica Martins e o leiloeiro José Lobo. Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

45


Profissional de Sucesso Profis

Foto: Beto Falcão

Por Pedro C. Rebouças

O jovem profissional atuou como jurado da Copa de Jundiaí 2017.

ZÉ PIRES

Apaixonado pela raça, este jovem profissional tem como principal objetivo estar sempre aprendendo para poder evoluir de forma constante

46

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

incentivaram desde muito pequeno e a paixão por cavalos aumentava a cada dia. Tanto é que montei meu primeiro cavalo quando tinha apenas um ano e meio.” Com o passar do tempo, o que era uma paixão de criança acabou se tornando um meio de vida e uma carreira profissional. “Foi uma coisa que aconteceu muito naturalmente na minha vida. Eu monto cavalo desde criança e já fazia as provas sociais, começando com a prova mini-mirim aos quatro anos de idade. Assim o que começou como uma brincadeira de montar a cavalo foi dando espaço para o instinto de competição, à vontade de evoluir, montar bem. Então aos 11 anos de idade comecei a apresentar cavalos. Aos 13 anos de idade, apresentei minha primeira égua em uma Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga, e, a partir daí, segui o caminho apresentando cavalos

do meu pai e de outros criadores, sempre com a supervisão e os ensinamentos dos meus grandes professores, meu pai e meu irmão. Nessa época, apresentava alguns animais do Haras CPA (Caito), Haras Verjada (Júnior de Freitas), Foto: Arquivo Pessoal

E

ntre a nova geração de profissionais dedicados ao cavalo Mangalarga, José Roberto Pires de Campos Filho pode ser apontado como um dos principais destaques. Afinal, este jovem mangalarguista, formado em medicina veterinária, apresenta uma série de habilidades e qualificações que lhe permitem atuar tanto na apresentação de animais como na assessoria técnica de criatórios e na área de reprodução equina. Zé Pires, como é mais conhecido entre os amigos da raça, possui ainda uma longa relação com o meio equestre e com o Cavalo de Sela Brasileiro. “Minha convivência com cavalos começou desde muito cedo, pois meu pai é criador há mais de 40 anos. É uma paixão que vem de geração em geração. Com isso, nós fomos criados no meio do cavalo e em especial do cavalo Mangalarga. Meus pais me

Formado em medicina veterinária, Zé Pires também atua na área de reprodução.


Profissional de Sucesso esso recém formado, com receios, mas com muita vontade de trabalhar e evoluir e hoje sou eternamente grato por essas pessoas e criatórios que me deram total apoio no início da minha carreira como técnico e médico veterinário: Haras Duas Águas (José Roberto Marcellino dos Santos e o gerente Valdecir Garcia), Haras 4 Irmãos (Cauê Costa Hueso) e Haras Santa Filomena (Antônio Carlos Pestilli Fonseca). E hoje sou muito grato também a todos os criadores que confiam seus animais a mim e às equipes desses haras, pois ninguém consegue conquistar nada sozinho, e eu sou muito grato a essas pessoas que se dedicam muito para que os resultados aconteçam. Agradeço aos criadores Renato Diniz Junqueira, Beatriz Biaggi Becker, José Roberto Marcellino dos Santos, Cauê Costa Hueso, Silvio Junqueira, Paulo Pacheco e Camila Glycério e Sérgio Sério, e às equipes de cada um desses haras. Lembrando também do doutor Carlos Cabral, do doutor Neto Gibran e do doutor Rodolfo Lauricella, meus

parceiros na medicina equina, e Leandro Matiello, ferrageador que faz parte dessa equipe, cuidando da podologia dos animais.” O jovem profissional destaca ainda os nomes de alguns colegas mangalarguistas que influenciaram o seu trabalho ao longo dos anos. “Como apresentadores, sempre me impressionou a dedicação e o profissionalismo do Bira (Ubiraci Ramos), Zequinha (José Freire) e Dil (Valdir Marques). Dentre os profissionais da área técnina, sou grato a algumas pessoas que sempre acreditaram em mim e me apoiaram, como Paulo Lenzi Souza Leite, Marcos Sampaio de Almeida Prado (Kiko), Lourenço de Almeida Botelho, Geraldo Santos Castro Filho (Gereba) e Attílio D’Angieri Neto (Tioca).” A convivência com o cavalo Mangalarga também proporcionou momentos muito marcantes na vida de Zé Pires. “Como apresentador, vivi três momentos muito marcantes.

Zé Pires apresenta Eureca Mangabaia, 1ª Reservada Campeã Nacional de Marcha Égua Sênior 2017.

Aos 13 anos, apresentando Esc Hecto na prova de maneabilidade em sua primeira Nacional.

Foto: Beto Falcão

Foto: Arquivo Pessoal

No pódio da Nacional 2015, com os amigos da Equipe do Haras 4 Irmãos.

Foto: Beto Falcão

Foto: Norberto Cândido

Haras EN (Eloy de Almeida Prado) e Haras Duas Águas (José Roberto Marcellino dos Santos). E não parei mais, sempre buscando evoluir e aprender novas técnicas”, conta Zé Pires. O mangalarguista partiu então para uma nova e desafiadora fase de sua vida. “Em 2009, aos 19 anos, iniciei a Faculdade de Medicina Veterinária (FAEF- Garça/SP), onde dediquei todo o período acadêmico ao cavalo. Nessa época, tive oportunidade de conviver com dois grandes profissionais que me ajudaram e me ensinaram sobre reprodução equina, área da veterinária na qual atuo, o doutor Itiro Itoyama e o doutor Neto Castro. Depois, aos 21 anos, me tornei o mais novo jurado da raça Mangalarga. Já em 2013, aos 24 anos, me formei médico veterinário, e, com apenas 15 dias de formado, três haras abriram as portas para eu trabalhar, confiando suas tropas em minhas mãos. Eu ainda era um

Com Ômega Vat, 2º Reservado Campeão Nacional Potro Maior 2017. Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

47


Um deles foi a conquista do 1º Reservado Grande Campeonato Potra com Quatiara 3P, pois havia muitas potras de altíssimo nível disputando aquela Nacional e ela foi muito bem. E os outros dois momentos foram: o primeiro prêmio de marcha égua jovem nacional 2017 com Yaya OTN, de Renato Diniz Junqueira (voltando a brigar pelas primeiras colocações) e o 1º Reservado Campeonato Nacional Égua Sênior de Marcha 2017 com Eureca Mangabaia, de Paulo Pacheco Silveira. Já como jurado, acredito que poder julgar a tão disputada Copa de Marcha de Jundiaí (SP) com meu irmão foi muito marcante.” Mangalarga: base de tudo O talentoso técnico e apresentador da raça destaca ainda que o Mangalarga possui grande importância em sua vida. “É a base de tudo, nosso trabalho, nossa alegria, nosso lazer! Mangalarga é meu passado, meu presente e, se Deus quiser, meu futuro”, ressalta Zé Pires, que atualmente presta serviço para conceituados criatórios mangalarguistas, como Haras Duas Águas, Haras 4 Irmãos, Haras Mangabaia, Fazenda Vassoural, Fazenda Santa Cecília (Torquato), Fazenda Tapiratuba e Haras Fazenda Boa Vista. Tendo já trabalhado com uma série de outros importantes centros de seleção da raça, como o Haras Santa Filomena, o Haras Orgin, o Haras RJF da Boa Vista, o CTE RPN e o Haras CPA. Zé Pires também obteve relevantes conquistas nas pistas de julgamento da raça. Dentre eles, destaque para: 1º Reservado Grande Campeonato Potra 2014, com Quatiara 3P; 1º Reservado Campeonato Nacional Cavalo Jovem de Marcha 2015, com Império NDM; Campeonato Nacional Cavalo Pampa 2015, com Refúgio da Norma; 2º Reservado 48

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Foto: Norberto Cândido

Profissional de Sucesso Profis

Pódio de Quatiara 3 P, 1ª Reservada Grande Campeã Potranca Nacional 2014.

Campeonato Nacional de Marcha Égua Sênior Pelagem Pampa 2016, com Verona das Duas Águas; 2º Reservado Campeonato Nacional Potro Maior 2017, com Ômega Vat; 1º Prêmio de Marcha Égua Jovem Nacional 2017, com Yaya OTN; 1º Reservado Campeonato Nacional de Marcha Égua Sênior e Grande Campeonato de Marcha e Geral Pelagem Amarilha 2017, com Eureca Mangabaia. Além disso, o promissor profissional ressalta uma série de cavalos e éguas com os quais estabeleceu uma relação especial no decorrer de todos esses anos de ligação com a raça. “Vários animais marcaram minha vida, como ESC Hecto, que foi meu grande professor, Galícia do Otnacer e Jordan do Otnacer, que foram cavalos de destaque do meu pai. A Quatiara 3P (Ricardo Pacheco), eleita Campeã Nacional Potra Maior 2014, 1ª Reservada Grande Campeã Potra 2014 e recorde do leilão Elite da Nacional daquele mesmo ano. A Raína CPA (Caito), égua detentora de muitos títulos de marcha. A Eureca Mangabaia (Paulo Silveira), 1ª Reservada Campeã Nacional Égua Sênior de Marcha 2017 e Grande campeã Nacional de Marcha e Geral Pelagem Amarilha 2017. A Francesa MAB (Renato D. Junqueira), detentora de vários

títulos de marcha ao cabresto e 1º Prêmio de Marcha Potra Maior Nacional 2017. O Ômega Vat (Renato D. Junqueira), 2º Reservado Campeão Nacional Potro Maior, e a Yaya OTN (Renato D. Junqueira), 1º Prêmio de Marcha Égua Jovem Nacional 2017.” Na opinião do jovem mangalarguista, um bom técnico e apresentador deve ter muita dedicação e profissionalismo. Zé Pires tem ainda referências claras quando pensa em quais qualidades um cavalo Mangalarga deve apresentar. “Nós sempre buscamos cavalos que sejam bem caracterizados, com equilíbrio entre andamento, morfologia e função e que apresentem ângulos de cavalo de sela, bom temperamento e que sejam habilidosos.” Por fim, o profissional de sucesso destaca as metas que está traçando para o seu futuro profissional. “Eu tenho o objetivo de estar sempre aprendendo para poder evoluir constantemente. Assim, acredito que meu desafio mais importante é ajudar meus clientes a criarem bem, com bom direcionamento de raça. Além disso, almejo um dia conquistar o grande campeonato da raça”, conclui Zé Pires, demonstrando muito otimismo com o universo do Cavalo de Sela Brasileiro.


Haras H aras em Destaque

Foto: Marcio Mitsuishi.

Por Pedro C. Rebouças

Lote com a nova geração de potros do Haras Corumbau.

HARAS CORUMBAU Planejamento com visão de longo prazo, foco bem estabelecido, animais com alto valor zootécnico e um time excepcional e bem entrosado estão entre as razões do sucesso do criatório

50

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Esteves Junior, tornou-se a primeira fêmea a conquistar numa mesma edição da Nacional os títulos de Grande Campeã Égua, Grande Campeã Égua de Marcha e Grande Campeã Égua de Funcionalidade. Além disso, os animais provenientes da seleção de Marcelo Barbará arrebataram um número notável de Grandes Campeonatos Nacionais. Estes feitos, aliás, estão entre as maiores emoções vividas pelo titular do haras desde que entrou no mundo do cavalo. “Nossos animais conquistaram sete Grandes Campeonatos na Nacional 2017, um feito inédito na raça Mangalarga. Acredito que esse bom desempenho

do nosso plantel, assim como as conquistas deste ano com a Graziela do Corumbau e o título de Grande Campeã Nacional de 2015 com a Esfera do Corumbau foram os momentos mais marcantes que vivi na raça.” Foto: Marcio Mitsuishi.

O

Haras Corumbau viveu um momento muito especial durante a 39ª Exposição Nacional da Raça Mangalarga, realizada no mês de setembro, em São João da Boa Vista (SP). Afinal, o criatório comandado pelo empresário Marcelo Barbará no município paulista de Itu obteve durante esse importante evento uma série de relevantes conquistas. A Tríplice Coroa conquistada por Graziela do Corumbau é um bom exemplo do brilhante desempenho do criatório na mais importante mostra da raça. A bela alazã, selecionada pelo Haras Corumbau e exposta por Almiro

Detalhe do ferro com a marca do criatório.


Haras em Destaque aque Início da criação

papel fundamental no processo de formação do plantel. “A Ilha Bela R.A.A., mãe da Graziela do Corumbau, Grande Campeã Nacional Égua 2017, e a Condessa RB, mãe da Gabriela do Corumbau, Bicampeã Nacional 2012 e 2015, e mãe da nossa espetacular Homenagem do Corumbau, que está iniciando nas pistas, foram essenciais para formar a base da seleção Corumbau”, destaca Barbará. O titular do criatório ressalta ainda que busca reunir em sua tropa qualidades como porte, beleza, andamento e funcionalidade. “A maior prova de que isto é possível está nas conquistas da égua Graziela do Corumbau neste ano de 2017. Afinal, ela demonstrou muita versatilidade nas pistas da raça e conquistou os mais diferentes títulos, sagrando-se Grande Campeã Nacional Égua, Grande

Foto: Marcio Mitsuishi.

Foto: Beto Falcão

A paixão de Marcelo Barbará pelos cavalos remonta à infância. Entretanto, essa forte ligação só começou a consolidar-se de fato a partir de 2008. “Desde criança sempre fui apaixonado por cavalos. Minha convivência com eles teve início aos sete anos, nos passeios a cavalo em Teresópolis, região serrana no Rio de Janeiro, e nas viagens que fiz com o meu avô aos oito, nove e dez anos para visitar Estâncias no Rio Grande do Sul. No entanto, só vim a comprar meus dois primeiros cavalos em 2008, pensando apenas em passear em Barra do Una, no litoral norte de São Paulo.” Aos poucos, o envolvimento com os cavalos foi tornando-se maior e, com um conceito mais claro de qual animal desejava selecionar, chegou a hora de

começar a criar de forma efetiva. “Os dois primeiros cavalos que adquiri eram Mangalargas Marchadores, mas eu os achava pequenos. Por isso, os cavalos adquiridos posteriormente foram os nossos Mangalargas, porque eles são rústicos, têm porte, beleza, andamento e funcionalidade. Em 2012, começamos um projeto para criar cavalos de forma profissional. Parei com a atividade de recreação com cavalos em Barra do Una, comprei uma propriedade em Itu e o técnico Paulo Lenzi capitaneou a montagem de um time extremamente qualificado, com o cavaleiro Guilherme Cardeal à frente dos treinos dos cavalos.” A partir de então, o haras foi sendo estruturado de forma criteriosa, com animais de alto valor zootécnico e muito bem selecionados, time excepcional e bem entrosado, planejamento com visão de longo prazo e, principalmente, foco. Além disso, duas matrizes tiveram

Guilherme Cardeal e Paulo Lenzi comemoram o Grande Campeonato Nacional de Marcha de Graziela do Corumbau.

Foto: Marcio Mitsuishi.

Foto: Marcio Mitsuishi.

Guilherme Cardeal e Marcelo Barbará cavalgam pela propriedade em Itu (SP).

Guilherme Cardeal conduz a tríplice coroada Graziela do Corumbau.

O plantel do haras possui animais de alto valor zootécnico.

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

51


Haras em Destaque Campeã Nacional Égua de Marcha, Grande Campeã Nacional de Funcionalidade, Grande Campeã Brasileira Égua, Grande Campeã Brasileira Égua de Marcha e Grande Campeã da Copa de Marcha de Jundiaí.”

Destaques das pistas

Foto: Marcio Mitsuishi.

O pavilhão de baias conta com ótima estrutura. 52

acreditamos nela e 2017 foi o seu ano. Entretanto, a minha maior satisfação é ver o time do Haras Corumbau sendo reconhecido.” O titular do criatório, no entanto, não se deixa tomar pela empolgação. “Devemos ter muito cuidado para não deixar que o sucesso dos resultados passados nos levem a pensar que será fácil obter novas conquistas no futuro. Temos humildade para reconhecer que devemos manter o foco e trabalhar duro com uma equipe enxuta, mas extremamente profissional, e um plantel pequeno (nossa meta é ter ao todo 50 animais), mas com uma seleção rigorosa de animais com altíssima qualidade zootécnica. O resto é participar das exposições, copas e provas, e aceitar os resultados, mesmo que não sejam os que esperamos”, pondera o mangalarguista, para quem o convívio com a raça é uma atividade que proporciona diversão e dá grande prazer. “Contudo, não é o que tenho de mais importante na vida. Minhas prioridades são maiores e envolvem fazer do Brasil um país melhor.”

Foto: Marcio Mitsuishi.

Hoje, os produtos selecionados pelo Haras Corumbau brilham tanto no próprio criatório como em outras seleções, cujos donos acreditam na qualidade da genética com a marca CO2. Os principais expoentes entre os animais que estão no haras são: Homenagem do Corumbau (Condessa RB x Jambo da Sabaúna), Inédita do Corumbau (Bimba da Malagueta x Euro U.N.), Juliana do Corumbau (Bavária VAT x Imigrante do HIC), e a formidável geração “K”, com destaque para Kelly do Corumbau (Serena da Sabaúna x Euro U.N.), Kalinda do Corumbau (Graziela do Corumbau x Colorado OJC), King do Corumbau (Esfera do Corumbau x Espelho YB) e Kairu do Corumbau

(Gabriela do Corumbau x Espelho YB). O criatório, além disso, vem apostando em um qualificado time de garanhões, composto por Galileo TA, Ícaro do Corumbau e Barreto do Espinhaço, eleito Grande Campeão Nacional Potro 2017. Já o grupo de animais que vêm brilhando por outros criatórios inclui nomes como: Esfera do Corumbau (Grande Campeã Nacional 2015), Gabriela do Corumbau (Bicampeã Nacional 2012 e 2015), Graziela do Corumbau (considerada uma das melhores éguas já produzidas na raça), Imaculada do Corumbau (Grande Campeã Nacional Pelagem Amarilha 2017) e Eldorado do Corumbau (Grande Campeão Nacional Pelagem Pampa 2017). Marcelo Barbará destaca ainda que gosta de todas as atividades equestres praticadas pela raça Mangalarga. “Entretanto, temos nos dedicado mais às exposições, copas e provas de funcionalidade”, ressalta o criador, que viveu uma emoção indescritível com as conquistas obtidas pela égua Graziela do Corumbau. “Nós sempre

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

A tropa do criatório vem se destacando nas pistas da raça.


FLÁVIO DINIZ JUNQUEIRA Fazenda Santa Rita | Morro Agudo -SP Apresenta:

Tango Nuevo Mangalarga

(Zurich Mangalarga X Karnak da Santaninha, por Faveiro)

Tango é irmão próprio de Milonga Mangalarga, Campeã Nacional de Marcha. Mesma linha baixa que formou a tropa JO, através da Castanha do Suco que deu a Bugrinha que deu a Índia que gerou Gigante JO.

Seresteiro F.D.J.

Argentino Mangalarga X Escola F.D.J. por UIRA Porã Mangalarga.

Seresteiro descende da linha baixa da Tordilha formadora da linhagem SP e da tropa de Jaú e perpetuada pela tropa FS de Fausto Simoês.

Flávio Diniz Junqueira Fazenda Santa Rita - Rodovia Genoveva de Carvalho Dias, Km 121 - Morro Agudo/SP 16 3820-0444 / 98116-9029

fdjunqueira@hotmail.com


Lazer L azer & Cultura

Fotos: Divulgação

A cavalgada corta os vales que fazem divisa com o Parque Nacional MtAspiring.

CAVALGANDO NA NOVA ZELÂNDIA As paisagens deslumbrantes do território neozelandês proporcionam uma experiência única aos participantes da Cavalgada Back Country

N

ova Zelândia e Austrália, na Oceania, são meus próximos destinos internacionais. Com essa viagem incluo cavalgadas nos cinco continentes. Cenário de vários filmes, dentre eles a trilogia Senhor dos Anéis, a Cavalgada Outback na Nova Zelândia tem paisagens 54

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

espetaculares que se estendem desde o Vale do Dart até o Vale de Rees, numa área com mais de 40 mil hectares, passando por florestas nativas, rios alimentados por glaciares e uma icônica fazenda de criação de ovelhas. O Rancho Back Country, onde inicia a cavalgada, fica a uma hora de Queenstown, e segue pelos vales

que fazem divisa com o Parque Nacional MtAspiring. Durante quatro dias a cavalgada cruza rios e terraços alimentados pelos Glaciares e passa em cachoeiras surpreendentes, aonde quem quiser vai poder nadar com seus cavalos em águas de coloração azul turquesa. No terceiro dia a cavalgada entra


Lazer & Cultura ltura

Os cavaleiros desfrutam de paisagens incríveis ao longo dos quatro dias de cavalgada.

no Vale Paradise, que foi o cenário do “centro da terra” na Trilogia Senhor dos Anéis. Vários locais das filmagens fazem parte do roteiro nesse dia. Na última noite a acomodação será em uma linda casa histórica (Millers House), com direito a massagens, e um churrasco de cordeiro neozelandês. Depois da Nova Zelândia, aproveitando estar do outro lado do mundo, vou para a Austrália, mas este novo texto e fotos ficam para uma próxima edição.

Paulo Junqueira Arantes www.cavalgadasbrasil.com.br O passeio cruza rios e terraços alimentados pelos glaciares da região. O trajeto inclui o Vale Paradise, cenário da Trilogia Senhor dos Anéis.

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

55


Espaço Técnico Espa

CUIDADOS NO PARTO Este aguardado momento exige uma série de precauções para preservar a saúde tanto da matriz como do potro

C

om certeza, entre tantos fatos que ocorrem numa criação de cavalos, o momento de maior alegria, é o nascimento dos potros. Independente do plantel, grande ou pequeno criador vivem uma constante expectativa, momento este de realização, porém em alguns casos de decepções. Assim, os cuidados nessa ocasião devem ser redobrados; algumas medidas preventivas devem ser tomadas. Observar o comportamento das éguas quando vai se aproximando o parto é fundamental. Dificilmente ocorrem problemas na hora do parto, porém é natural ficarmos preocupados e apreensivos, mas isso pode diminuir na medida em que conhecemos alguns cuidados necessários, tanto para a égua quanto para o potro. A espera é longa, 11 meses e alguns dias. Embora na maioria das éguas o parto aconteça no período noturno, nem sempre conseguimos acompanhá-lo, pois a natureza se encarrega de tudo. Elas se sentem mais tranquilas para parir à noite ou de madrugada. Geralmente se afastam das demais éguas nesse momento tão especial e, quando tudo ocorre bem, em poucas horas o potro já está andando e mamando normalmente e pode perfeitamente acompanhar a mãe. Algumas observações importantes: - Geralmente as éguas se mostram inquietas, olham com frequência para o flanco ou a barriga, caminham em círculos, se 56

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Foto: Guta Alonso

É importante ter um piquete adequado para que aconteça o parto.

Foto: Divulgação

Observar o comportamento da égua é fundamental.

deitam e levantam várias vezes, até que ocorra de fato o parto. - Ideal que se tenha uma maternidade, um piquete adequado, plano, pra que aconteça o parto. - É muito comum em muitos plantéis, a opção pelo parto assistido, onde a égua é monitorada e acompanhada por um veterinário ou mesmo um funcionário experiente.

- Depois do nascimento e após várias tentativas dentro da primeira hora pós-parto, lembre-se que é de extrema importância que o potro se amamente até 6 horas do colostro desse leite, que é fundamental para dar energia e proteção ao recém nascido. *Deve-se observar também a total expulsão da placenta, a égua ainda pode sentir algumas


Lazer & Cultura ltura

Foto: Divulgação

Os potros precisam de uma alimentação balanceada.

cólicas nesse período. A retenção da placenta pode causar sérios problemas à égua, como infecções, infertilidade, laminites e até a morte. Qualquer dúvida é importante a presença de um veterinário rapidamente. *O cordão umbilical deve ser imediatamente cuidado, com solução secativa com uso de solução de iodo fraco, 2% a 5%, usando também um repelente de moscas, com esses cuidados ele seca e cai em cerca de 10 dias. O descuido pode ocasionar sérios problemas, como infecções, bicheiras, e até a formação de hérnias. A natureza sem dúvidas é sábia demais para cuidar da grande maioria dos problemas que ocorrem durante o parto, de forma natural, porém o ideal é que se observe e acompanhe o parto para evitar possíveis perdas como tivemos aqui, nessa estação, a perda de um potro que não rompeu a placenta e rapidamente morreu. Os potros precisam de uma alimentação balanceada, isso já acontece durante a gestação, período em que acontece 70% do desenvolvimento. E após o nascimento a atenção com eles deve ser redobrada, até a hora do desmame. Uma vez mal alimentado, pode ocorrer o comprometimento do sistema nervoso e até cerebral, uma vez que a baixa proteína durante

Foto: Divulgação

O desmame deve ser feito entre o 6º e o 8º mês após o nascimento.

Foto: Divulgação

Quando tudo corre bem, em poucas horas o potro já está andando e mamando normalmente.

a amamentação faz com que vários problemas ocorram, assim a égua deve ser muito bem alimentada, ao contrário veremos potros pequenos e desnutridos. *O desmame deve ser feito entre o 6º e 8º mês após o nascimento. Antes disso pode ser arriscado, podendo ocasionar danos ao crescimento, desenvolvimento e ganho de peso. Lembrando que todos esses fatores influenciam também até mesmo no comportamento desses animais. É também de grande importância que os potros sejam vacinados, pois nesse período de desmame, é comum que ocorra baixa imunidade, pelo estresse que sofrem pela separação mãe e filho. O ideal é que quando se aproximar a hora do desmame, o potro seja separado por algumas horas e retirado

de perto da mãe, até a separação total, quando irá se habituar à sua nova fase sozinho, ou até com outros potros, mas sem os cuidados da égua!

Por Dalva Marques Apresentadora, Titular do Centro de Treinamento Rancho Bigorna e primeira mulher a apresentar um Grande Campeão Nacional da Pelagem Preta ou Zaina Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

57


Espaço Técnico Espa

MANEJO E ALIMENTAÇÃO DE GARANHÕES Manejo

M

uitos consideram o garanhão reprodutor o animal mais importante do plantel. Em termos genéticos, sua importância se equipara à das éguas, afinal ele responde por 50% das características genéticas do potro e as éguas pelos outros 50%. Portanto, para se ter uma boa descendência, é importante machos e fêmeas de boa qualidade. Além disso, as fêmeas, por carregarem o potro dentro de si e depois do parto serem responsáveis pela sua criação e alimentação, possuem uma maior responsabilidade na qualidade do plantel. Entretanto, para dispor um bom plantel basta um garanhão de ótima qualidade, que pode padrear até 40 fêmeas em monta natural e uma infinidade em monta artificial; portanto, como deixa maior número de descendentes por ano, há uma certa justificativa para se preocupar mais com sua qualidade e saúde. Caso o garanhão tenha qualidades reprodutivas que valham a pena serem transmitidas a descendentes, então poderemos utilizá-lo em um plantel de éguas de qualidade. Alguns cuidados essenciais devem ser tomados para otimizar ao máximo o aproveitamento de nutrientes pelo garanhão, especialmente no que diz respeito ao seu manejo diário, pois o manejo errado, muito comum, leva ao estresse e diminuição de performance do animal. O manejo correto passa pelas instalações do animal, onde estas podem ser simples, preferencialmente um piquete de 58

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

300 a 600 m2 com cerca adequada (elétrica ou madeira, ou ambas) e baia dentro do piquete com as portas sempre abertas para que o animal entre e saia quando bem o desejar, ou ao menos com uma cobertura para servir de abrigo em tempo de chuva ou sol excessivo, que pode ser artificial ou mesmo natural, como árvores. Caso não seja possível uma baia dentro do piquete, pode-se ter uma baia em local apropriado e um piquete solário para que o animal possa ser solto diariamente, por um período mínimo de quatro horas, quando não o dia todo. A baia deve ter proporções mínimas de 4 x 4, bem ventilada e com cama apropriada e limpeza diária para o conforto e bem-estar do animal. Muitos recomendam que a cerca seja ladeada por uma cerca viva para se evitar que o animal fique nervoso visualizando o movimento de outros animais. Muito pelo contrário, o ideal é que o garanhão se habitue à presença de outros animais, pois isso, além de deixá-lo mais amistoso socialmente, faz com que ele aprenda a respeitar e conviver com outros cavalos sem agredi-los. Exercitar diariamente o garanhão pode ser muito favorável, tanto para a libido como para acalmar o animal e despertar o apetite, otimizando a nutrição adequada e melhorando a performance reprodutiva do animal. O exercício consiste em um trabalho leve, alternando-se seis períodos de três minutos ao trote com intervalos de dois minutos ao passo, totalizando 32 minutos de trabalho (inicia-se ao passo e finaliza-se ao passo).

Qualquer trabalho acima disso, pode desgastar em demasia o animal. Entretanto, o exercício físico mais intenso pode ser realizado desde que seja acompanhado por um enriquecimento na alimentação, buscando atender à necessidade mais elevada pela dupla função. Lembre-se que soltar o animal em piquete, mesmo que ele fique correndo, não é trabalhar, e não deve ser computado como exercício físico diário. Alimentação A dieta diária dos garanhões reprodutores prioriza o equilíbrio alimentar, prevenindo os excessos. As necessidades de matéria seca em relação a seu peso variam de 1,4 % em manutenção a 2,3% em estação de monta intensa, com as quantidades de energia e proteína adequadas, além do sal mineral específico e água fresca e limpa à vontade. Alguns alimentos tradicionais devem ser evitados em excesso, como o feno de alfafa, que predispõe o animal a níveis proteicos elevados, e aveia que desequilibra a ração e favorece a produção de sêmen de baixa fertilidade, além de fornecer energia via o carboidrato amido, que pode deixar o animal mais agitado. Fora do período de monta, uma dieta de manutenção conforme preconizado no capítulo anterior é suficiente, através do fornecimento de capim ou feno de qualidade, uma suplementação mineral e, eventualmente, o fornecimento de concentrado, em quantidade suficiente para se manter um estado corpóreo satisfatório.


Espaço Técnico cnico Necessidades Energéticas As necessidades do garanhão reprodutor em manutenção são as mesmas para qualquer animal nesta condição quer seja castrado ou mesmo uma égua. No período de monta, uma suplementação extra com concentrado é importante para complementar as necessidades energéticas, dependendo da frequência de monta e do estado corpóreo do animal. As necessidades energéticas do garanhão em período de monta são superestimadas pelos criadores, para os quais, um estado corpóreo um pouco acima do normal, é sinal de força, vitalidade e beleza. Entretanto, a obesidade compromete a longevidade do reprodutor, pois o excesso de peso fatiga as articulações, favorece a artrose e dificulta o salto, além de tornar um animal já agitado, mais nervoso para se manejar. Em período de estação de monta, a função reprodutora é relativamente pouco exigente em energia, sendo 15% acima da manutenção em animais em monta leve, em valores de energia digestível, 25% em animais em monta média e 35% acima da manutenção em monta intensa, semelhante a um animal em trabalho leve, mas é necessário um excelente equilíbrio alimentar. Podemos considerar monta leve animais que realizam um a dois saltos por semana, monta média de três a cinco saltos por semana e monta intensa acima de cinco saltos por semana. O excesso de peso afeta a fertilidade. Ocorre diminuição do nível hormonal e da libido por fixação dos hormônios sexuais com o tecido adiposo. Por outro lado, o emagrecimento afeta certos garanhões muito nervosos, que perdem o apetite. É necessário oferecer alimentação concentrada e variar o regime alimentar para se manter um bom estado corpóreo, vigoroso e com boa qualidade de sêmen.

Necessidades Proteicas A complementação proteica é, em média, semelhante à de animais em trabalho médio. Uma preocupação constante deve ser a qualidade destas proteínas oferecidas, por meio de alimentos com teores adequados de lisina e metionina, além de se manter um equilíbrio alimentar adequado, através de suplementação extra de vitaminas e minerais sempre que necessário. As necessidades proteicas são ligeiramente superiores às de manutenção, em 20% independente da atividade reprodutiva, segundo o National Research Council (NRC, 2007), e um pouco maiores, segundo o Institute National Du Recherche Agricole (INRA, 1990), para ativar a produção das glândulas sexuais. Mas os excessos são prejudiciais, pois elevam a reabsorção intestinal de aminas, podendo contribuir para alterar o vigor e a sobrevida dos espermatozóides. Necessidades Minerais Uma complementação mineral é necessária para se evitar carências de fósforo, zinco, manganês, cobre, iodo e selênio, que são importantes para a fertilidade e que, normalmente, podem ser deficientes nas forragens. Para se atender a essa demanda de minerais, no caso de garanhões, apenas a disponibilidade de sal mineral específico para equinos, de boa qualidade e com livre acesso, nem sempre é suficiente. Deve-se proceder aos cálculos de balanceamento de uma dieta, devendo-se tomar cuidado para não se aproximar de níveis tóxicos que podem comprometer a saúde do animal. Necessidades Vitamínicas A suplementação vitamínica consiste, em primeiro lugar, em Vitamina A que garante a integridade do epitélio germinal. A Vitamina E é importante para a fertilidade pela proteção

antioxidante dos ácidos graxos essenciais e da Vitamina A. O restante do complexo vitamínico é essencial para o bom equilíbrio do organismo do garanhão. No caso da vitamina C, sintetizada pelo fígado, e da biotina, disponibilizada em alguns alimentos e sintetizada pela microflora bacteriana, em condições normais, não há necessidade de suplementação extra. Para se atender a essa demanda de vitaminas, no caso de animais em manutenção, se o animal viver a pasto, com livre acesso a forragem verde e sol, sem estresse, pode não ser necessária uma suplementação extra; esta dependerá do estado geral do animal e da quantidade de vitaminas disponíveis no concentrado. Caso o animal se alimente de feno, seja confinado e viva em permanente situação de estresse, uma suplementação vitamínica contendo todo o complexo certamente é interessante.

André Galvão Cintra Médico Veterinário, Professor Especialista – ‘Nutrição & Interacionismo’ Autor do Livro “O Cavalo: Características, Manejo e Alimentação” Coautor do livro “Manual de Gerenciamento Equestre” E-mail: andre@vongold.com.br Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

59


Momento Social - Participação Infantil Mome

Maria Eduarda, Luiza Esteves e Stella Martinez

60

Fotos: Norberto Cândido

Camila Assumpção Barbosa, Isabel Barbosa Barros, Ana Barbosa Barros e Juliana Barbosa Porto

Lucas Bueno

Robson Santos

Maria Eduarda

Maria Eduarda

Laura Valias Pareira

Manuela Mannrich

Antônio Carlos Ferreira Neto

Otávio Augusto

Luiza Freire e Brenda Jesuino

Alice Haddad

Rafaela Haddad

Isabela Haddad

Theo Biasi

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - Participação Infantil fantil

Antoniella Borsatto

Lucca Tardioli

Manuela Paradeda e Eduarda Nunes de Ranieri

Olavo Romano

Gabriel Almeida

André Raucci

João Pedro e Francisco Franco

João Pedro Junqueira Salles

João Lucas P. de Carvalho

Lucca Cosi

Lorena Tardioli, Isabella Tardioli e Beatriz Tardioli

Beatriz Pires

Matheus Bonazza

Maria Eduarda

Guilherme Ferraz

Manuela Boaro e Guilherme Boaro Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

61


Momento Social - Participação Infantil Mome

Manuela Cruz

Luiza Alves Esteves

Davi Monteiro Ribeiro

Julia Andrade e Marina Ribeiro Siqueira

Beatriz Perrenould e Luise Perrenould

Larissa Rehder

Larissa Teixeira

Larissa Prado

Luiz Felipe, Julia Andrade e João Andrade

Tarquinio Reder 62

Revista Mangalarga

Luisa Pereira Dezembro, 2017

Maite Ferolla

Sofía Siqueira

Gabriel Theodoro e Matheus Kaum

Gabriela Siqueira

Alice Alves


Momento Social - Presença Feminina

Dalva Marques e Flávia Raucci

Ana Cecilia Barbosa Barros

Paula S. J. A. Amaral Salles

Nelita Opice, Tiche Davis

Daniela Fagundes

Fotos: Norberto Cândido

Bethânia O Romano e Nathiara Martins

Roberta Pires, Maria Inês Pires e Beatriz Pires

Gabriela Rabinovich

Simone Loureiro

Gabriela Andrade

Josiane C. Matta Vidotti

Silvia Morgolis, Beatriz Biagi Becker e Camila Glycério

Jana Borsatto e Vania de Paula

Sônia Torresan

Jéssica Miorin e Rosangela Miorin

Rosangela Kiriliuk, Dayana Alves, Zilda Alves e Alice Alves Dezembro, 2017

Sarita Lima Revista Mangalarga

63


Momento Social - Presença Feminina Mome

Lucimara Ribeiro Correa e Nelita Opice

Isabela Pires de Carvalho

Natalia Marques e Julia Mastiguim

Fotos: Norberto Cândido

Maria Eduarda e Dalva Marques

Naiara e Cristina Fleury

Rosimeire Maldonado

Maria Eduarda e Josiane Matta Vidotti

Claudia Braido e Paola Madeira

Claudia Junqueira e Betina Prado

Marcela Boaro

Vera Almeida e Jacira Menezes

Maria Cristina Freire, Evelin Freire e Rebeca Freire

Patricia Sobia, Andrea Raucci, Flávia Raucci

Sonia Cabral e Maria Rita

64

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - Presença Feminina nina

Angélica de Paula e Renata Ferraz

Fabiana e Manuela Cruz, Patricia Carvalho

Priscilla P. S. Esteves e Ildete Alves Esteves

Dione Marcondes

Giuliana Meneguel e Ana Arruda

Silvana Ferreira, Carla Lazrini e Angela Mozzer

Raquel Ferraz e Bianca Ferraz

Carol Augusto

Maria Petruci

Rafaela Almeida e Maria Rita Brandi

Cláudia Sianga

Roseli Toledo e Rita Barbosa

Maria Helena Franco

Sonia Torresan, Gabriela Andrade, Julia Dunley, Josiane Matta Vidotti, Daniela Fagundes, Priscilla Esteves, Perla Fleury e Luiza Esteves Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

65


Momento Social - Presença Feminina Mome

Mariana Castro

Marisa Iório

Vanessa Targino

Luciana Betti

Elisete Toledo e Janaina Toledo

Priscila Padilha

Amanda Nogueira e Ana Luisa

Marcela Pereira 66

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Fotos: Norberto Cândido

Andréa Monteiro

Silvia Zarif

Debora Milanez, Cristina Guiral e Rubia Mello

Camila Glicério

Vanessa dos S. Homem

Juliana Perrenould

Linda Ferreira

Marina Marques, Ana Marques e Natália Marques

Marcia Facetto, Claudia Braido, Cristina Sobral e Sonia Cabral


Momento Social - Presença Feminina nina

Marilene Paniczek

Lucimara Yamamura

Gertraud Kalitzki

Guta Alonso

Cristiane Prado

Suzana Oliveira

Carol Valle e Marilia Valle

Debora Garna

Majo Calegari

Beth Torres Junqueira Andrade

Val Pereira

Fátima Tardim e Sonia Cabral

Catarine Côrte

Hosana Oliveira

Perla Fleury

Talita Ferrola

Solange Kazlauskas e Débora Milanes

Hilda Kalitzki

Regina Cervelin

Ana Cristina Erthal Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

67


Momento Social - Presença Feminina Mome

Claudia Angelin

Deborah Andrade

Isabella Frugis

Bárbara Cosi

Claudia Souza e Ana Arruda

Juliana Crotti

Ana Luiza

Mari Angela Pereira

Valdete Cintra

Lúcia Aidar

Carol do Valle

Grazielli Valias

Mariliza Junqueira Andrade

Márcia Araujo

Maria Carolina Braido

Lara Almeida Prado

Rejane do Valle

Natália Risi

Sarah Regina S. Zinato e Amanda Zinato

Geisa Rosa e Adriana Oliveira Martinho

68

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Fotos: Norberto Cândido

Jairo Hamilton, Geraldo Alckmin, Mário Barbosa e Armando Raucci

Flávia Raucci, Consul Geral da China - Chen Peijie e Jairo Hamilton

Ingo Hoffmann, Cauê Hueso, Youssef Haddad e Flávia Raucci

Luis Opice, o cavaleiro das Américas Filipe Leite, Fernando Tardioli e Arlindo Lúcio

Luiz Henrique S. Ribeiro e Nissim Elias Kalili

Dorival Andrade e Deborah Andrade

João Frugis, Isabella Frugis e Carlos Batista

Almir Campos e Eduardo Leite Cintra

Marco Cosi, Lucca Cosi e Bárbara Cosi

Guilherme Barbeitos, Renato Diniz Junqueira e João Tolesano

José Pavan e Luiz Fernando Pugliesi

Marcelo Domingues, Gabriela Domingues, Jairo Hamilton, Virginia Domingues e Diogo Domingues

Ademir Francisco, Pedro Henrique, Jerson Emilio, Bruno Eduardo, Fernando Nunes e Fábio Bueno Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

69


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Fotos: Norberto Cândido

Cauê Hueso, Armando Raucci, Flávia Raucci Ingo Hoffmann e Yuossef Haddad

Eduardo Rabinovich, Mário Barbosa e Juliana Barbosa

Grazielli Valias, Samuel Pereira Tavares e Laura Valias Pereira

Cassiano Terra Simão e José Roberto Angelin

Otávio Augusto e Djalma Neto

Mariliza Junqueira Andrade e Garbriel Francisco Junqueira de Andrade

Alexandre Dezena e Márcia Araujo

Geisa Rosa, Wilson Fachioli, Adriana Oliveira, Martinho Vasconcellos e Fernando Cecilio

Guilherme D’ Almas e Maria Carolina Braido

Rodrigo Orlando e Lorena Porto

Nayara Biasi, Rodrigo Biasi e Theo Biasi

Sérgio Rodrigues, Jéssica Miorin e Rosangela Miorin

Dalva Lenzi S. Leite, Ana Flávia Souza Leite, Manuela Mannrich, Paulo Lenzi e Sonia Cabral

Gabriela Haddad, Youssef Haddad, Rafaela Haddad, Alice Haddad e Isabela Haddad

Sarah Regina S. Zinato, Geraldo Zinato e Amanda Zinato

Antônio Carlos Ferreira, Antônio C. Ferreira Filho, Antônio C. F. Neto e Monica Ferreira

70

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Utti Fachini e Annelisa Raucci


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Claudio Mente, Ana Cândido e Natália Lois

Debora Borsatto, Antoniella Borsatto e Alexandre Borsatto

Marly Tardioli, Mariana Tardioli, Lucca Tardioli, Renato Tardioli, Fernando Tardioli e Arlindo Lima.

Sidnei Ferreira, Ana Arruda e José Donizete

Flávia Raucci, Vera Almeida, Sonia Marques, Jacira Meneses e Norberto Cândido

Fábio Tarpinian, Geraldo Zinato e Flávia Raucci

Jonas Montezel

Roberto Pilnik, Priscilla Pilnik, Eduardo Figueiredo Augusto, Cecília Augusto, Leonardo Augusto, Carol Augusto, Bruno Augusto e Thiago Augusto.

Josiane Matta Vidotti, Jorge Eduardo Beira e Perla Fleury

Pedro e Cristina Alvares de Melo

Priscila Feltrin e Rafhael Poeta

Angélica Nunes, Rodrigo Paradeda, Manuela Paradeda e Eduarda Nunes de Ranieri

Roberto Montenegro, Paulo Lenzi, Jorge Eduardo Beira, Ricardo Beira e Roberto Montenego Neto

Flávio Junqueira, Grabriel F. Junqueira de Andrade e Alberto Magno

Camila Assumpção Barbosa, Isabel Barbosa Barros, Mário Barbosa, Ana Barbosa Barros e Juliana Barbosa Porto

Emiliano Abraão S. Novais, Rodrigo Novais, Thiago D’Angieri, Cristiano Benzota e Cassiano T. Simão

Silas Freire, Lurdes Freire, Carolina Freire e André Freire Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

71


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Fotos: Norberto Cândido

Almiro Esteves Netto, Paulo Lenzi, Roberto D. Junq. Filho e Fernando Tardioli

Rodrigo Bertti, Renata Bertti e Luiz Cintra Sutherland

Marisa Iório e Paulo Eduardo Corrêa da Costa

João Pedro Junqueira Salles, Pedro Amaral Salles e Paula S. J. A. Amaral Salles

Bethânia Lourenço Romano, Rilton Romano e Olavo Romano

Gabriel Almeida e Cristiano Almeida

Denis Amaro e Ana Rocha Amaro

Jeferson Camilo e Veralúcia Vieira

Gabriel Filho, Mariliza Simonete Junqueira, João Pedro Junqueira Salles e Gabriel Junqueira

Pedro Castedo, Geraldo Franco, José Duarte, João Pedro e Francisco Franco

Israel Iraides da Costa, Geraldo Castro Filho e Eduardo Rabinovich

Gerson Franceschini, Thiago D’Angieri e Thomas D’Angieri

Luiz G. Alves Esteves, Celso Paoliello, Silas Freire, Guilherme Pompeu Piza Saad e Leandro Pasqualini

Luis Fernando Toledo, Antonio Carlos Ferreira, Leandro Pasqualini, Luis Brandi, Rodrigo Novais e Beto Falcão

Luiz Aparecido de Andrade, Celso Cerávolo Paoliello, Nelson Braido Jr, Israel Iraides da Costa, Nelson Braido e Eduardo Rabinovich

Marco Antônio Giro, Roberta Pires e José Roberto Pires de Campos

João Paulo F. A. Fagundes, Daniela Fagundes, Manuela Fagundes, André Fagundes, Joana Fagundes e Joaquim Fagundes

Rodrigo Rabinovich, Denise Rabinovich, Eduardo Rabinovich, Mario Marbosa e Gabriela Rabinovich

72

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Lorena Tardioli, Mirella Tardioli, Fernando Tardioli, Isabella Tardioli e Beatriz Tardioli

Mário A. Barbosa e Jayme Rehder

Marli Tardioli e Arlindo Lúcio

Ricardo Beira e Jorge Eduardo Beira

Mariana Gonçalves Fraga e William Mourão

José Eduardo Malheiros e Mário Barbosa

Auricio Murta, Luiz H. Souza Ribeiro e Josué E. C. V. Grespan

Thomaz D’Angieri, Eduardo Fortes, Marcelo Boaro Jr., Fernando Nechar e Jorge Roberto

Tiago de Paula, Angelica de Paula e Rodrigo Paradeda

Jairo Hamilton, Luiz Henrique S. Ribeiro, Roberto Diniz Junqueira Filho e Renato Diniz Junqueira

Luis A. C. Opice, Décio Rupolo, Luiz H. S. Ribeiro e Rodnei Pereira Leme

Antônio Esteves e Nendo Alves Esteves

Ari Borsatto e Pedro Iembo

Oscar Jannes e Juninho Nogueira

José Roberto, Roberta Pires, Maria Inês Pires, Jorge Roberto, Marco A. Giro, José roberto P. de C. Filho e Beatriz Pires

Israel Iraides, Dirceu Thomaseto e Luiz Sutherland

Ricardo Urbano Nassar e Ivana A. Barone Nassar

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

73


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Fotos: Norberto Cândido

Ari Borsatto, Pedro de Paula, Jana Borsatto e Vania de Paula

Mariangela Thomaseto e Dirceu Thomaseto

Thiago D’Angieri e Flávia Acorsi D’Angieri

Ana Cecilia Barbosa Barros , Ana Barbosa Barros , Fernando Barros e Juliana Barbosa Porto

Djanira e Hélio Brandi

Luis Antônio Brandi Filho e Flávia Cavalheiro

Rafaela Almeida Dias e José Rodolfo Brandi

Israel Iraides, Perla Fleury, João V. Matta Vidotti, Dirceu Thomaseto e Gabriel Fleury

Francisco Bezerra, Lucas Diniz e Guilherme

Wilson Sampaio, Nelita Opice, Tiche Davis, Luis Opice e Marcelo Ribeiro

Eduardo Grespan, Edison Pagoto, Rodnei P. Leme, Guilherme Barbeitos e Ivan Costa

Maria Naiara, André Fleury e Cristina Fleury

Cassiano Terra Simão, Luis Brandi, Thomas D’ Angieri, Sergio de Carvalho e Thiago Azenha

Pedro Souza, Willian Cassani, Youssef Haddad, Alexandre Franchi e Conrrado Servelin

Emiliano Abraão S. Novais, Maria Eduarda, João V. Matta Vidotti, Alaor J. Vidotti e Luis Brandi

Gabriela Andrade, João Andrade, José Luiz Andrade, Julia Andrade, Luiz Felipe, Odair Guizai e Cleusa Passarela.

74

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017

Francisco B. de Oliveira, Luis Opice, Mario Barbosa, Renato D. Junqueira, João Pacheco G. França e Wilson Sampaio


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Flávia Raucci e Armando Raucci

João Pacheco Galvão de França Filho e João Pacheco Galvão de França

Pedro Salla Ramos Filho e Hislaine M. A. Salla Ramos

Valdir Marques e Marcelo Pardini

Isabela Pires de Carvalho, Leandro Pasqualini de Arlindo Lúcio, Renato Tardioli, Armando Raucci Carvalho e João Lucas P. de Carvalho e Fernando Tardioli

Rogério Rino, Eduardo H. S. de França, Manoel Freire, Sydney Pereira e Arlindo Lúcio

Marcelo Barbara, Renato D. Junqueira e Eduardo H. S. de França

Sérgio Paolielo, Alberto Paulino (Poleca) e Gustavo Paoliello

Hélio Brandi, Luis Opice e Sérgio Rocha

Diogo Maldonado, Rosimeire Maldonado e Amauri Cruz

Caio Affonso, Marcelo Boaro e Fernando Neschar

Marcelo Boaro, Manuela Boaro, Guilherme Boaro e Marcela Boaro

Maria Cristina Freire, Manoel Freire, Evelin Freire e Rebeca Freire

Fabiano Camargo, Danton G. A. Andrade Filho, Sérgio Paiva e João Pacheco

Roberto D. Junqueira Filho, Claudia Junqueira, Betina Prado e Eloy Prado

Nelson Braido, Claudia Braido, Nelson Braido Jr. e Paola Madeira

Sérgio Sério e Lincon Castro

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

75


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Fotos: Norberto Cândido

Sidney Batista, Giuliana Meneguel, Rodnei P. Leme e Ana Arruda

José Roberto Petruci e Maria Petruci

Francisco Lima, Sérgio Paiva

Youssef Haddad, Fernando Tardioli, Luís F. Sianga e Cláudia Sianga

Raquel Ferraz, Fabio Ferraz, Bianca Ferraz e Daniel Latin

Eduardo F. Augusto, Leonardo Augusto, Carol Augusto e Bruno Augusto

Nislaine Salla, Juditi Lenzi, Bruno Lenzi e Pedro Salla

Artur Zarif e Maria Helena Franco

Marcelo Cintra Zarif e Silvia Zarif

Fernando Raucci e Victor Torresan

Beto Falcão e Geraldo Castro Filho

Fabiana, Daniel e Manuela Cruz, Caio Affonso, Thiago Gomes e Patricia Carvalho

Roberto D. Junqueira Filho, Marcelo Toledo, Roseli Toledo, Rita Barbosa e Mario Barbosa

Geraldo Castro Neto e Mariana Castro

Pedro Rebouças, Jacira Menezes, Marcelo Pardini, Vera Almeira e Marcelo Bertoldo

Priscilla P. S. Esteves, Antônio Alves Esteves e Ildete Alves Esteves

Marisa Iório, Paulo Della Torre e Eduardo França

76

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Thomas D’ Angieri, Paulo Puttini, José Pavan e Rogério Toledo

Andréa Monteiro e Alexandre Ribeiro

Adriano Donizete e Vanessa Targino

Arlindo Lúcio, Pedro Iembo e Armando Raucci

Nelson Braido Jr, Nelson Braido, Cauê Hueso, Luis Opice e Victor Torresan

Alaor Vidotti, Josiane Matta Vidotti e Sonia Torresan

Elisete Toledo, Luiz Fernando Toledo, Renato e Janaina Toledo

Felipe Hamilton Loureiro, Luis Opice e Marcelo Barbará

Priscila Pilnik e Roberto Pilnik

Julio Oliveira, Danilo Henrique, João Zambonini e Jeferson Machado

Silvio Parisi e Dalva Marques.

Almiro Esteves Junior e Ildete Alves Esteves

Lourenço Botelho, José Freire, Marcelo Toledo e Adriano Vaz

Beatriz Perenould, Eduardo Perenould, Juliana Perenould e Luise Perenould

Rafaela Dias, José Rodolfo Brandi, Maria Rita Brandi e Luís Brandi

Dirceu Thomasetto, Luis Opice, Camila Glicério e Paulo Pacheco Silveira

Cleber Miranda, Samuel Pereira, Gabriel Marques, Renato Toledo e Luís Fernando Toledo Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

77


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Welington Villa Gomes, Marisa Iório, Rodolfo Moura e Leandro Goulart

78

Fotos: Norberto Cândido

Roberto Trevisan, Fátima Tardim, Sonia Cabral e Paulo Lenzi

Mario Emilio, Nilson José e Paulo Lenzi

Vanessa dos S. Homem, Larissa H. Teixeira e Diogo Teixeira

Linda Ferreira e Antônio Carlos Ferreira

Luiza Esteves e Aliro Esteve Netto

Gertraud Kalitzki e Heinz Kalitzki

Rogério Miranda e João Pacheco

Roberto D. Junqueira Filho, José Luiz de Andrade e Cleber Yamamura

Reginaldo Leite, Cassemiro Paniczek e Marilene Paniczek

Lucimara Yamamura e Cleber Yamamura

José Arruda e Guta Alonso

Alexandre Emídio e Fábio Tarpinian

Larissa Prado, Cristiane Prado e Carlos Eduardo Prado

Marcelo Ranulfo e Suzana Oliveira

Maria Eduarda, João de Almeida, Carol Valle e Marilia Valle

Ayrton de Faria e Guilherme Barbeitos

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Fábio Mollo e Majo Calegari

Gilberto D. Junqueira e Caio Junqueira

João Zambonini, Silas Freire e Rogério Ramos

Márcio Bertoldo e Marcelo Bertolto

Sérgio Paolielo, Beth Torres Junqueira Andrade, José Urbano Junq. And. Filho e Eduardo Grespan

Val Pereira e Luiz Antônio

Paulo Affonso, Debora Garnai e Caito Affonso

Thomas D’ Angieri, Paulo Horto e Cassiano Terra Simão

Beto Falcão, Hosana Oliveira, Andre Borges e Pedro Pitanga

Beto Falcão, José Rodolfo Brandi, Carlos Cesar Iembo, Pedro Luiz Soares Castedo, João Pacheco Filho e Almiros Esteves Netto

José Luiz de Andrade e Willian Karp

Larissa Rehder, Archibald Rehder Neto e Tarquínio Rehder

Dirk e Hilda Kalitzki

Maite Ferolla, Talita Ferolla e Walter Ferolla

Felipe Araujo, Jacira Meneses e Sérgio Capucho

André Lisboa, Rodrigo Orlando e Luíz Sérgio

Airton Jesus, Mario Espósito e Leoci Garcia

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

79


Momento Social - 39ª Expo Nacional Mome

Marcelo Toledo, João Pacheco Filho, Eduardo L. Cintra e José Rodolfo Brandi

Adriano Donizete, Vanessa Targino, Roberto Fachinetti, Deborah Andrade, Dorival Andrade e Julio Paixão

Regina Cervelin, Conrrado Cervelin e João Cervelin

Pedro Salla e Guilherme Salla

Ricardo Erthal e Ana Cristina Erthal

Jayme Rehder, Marcelo Vegas e Dione Marcondes

Pedro Pitanga e Alexandre Todeschini

Marcela Pereira, Luisa Pereira e Paulo Roberto

Hélio Brandi e Eduardo Leite Cintra

Mario Emilio, Cleber Marconi e João Pacheco

Rafael Ladeia, Cassiano Terra Simão, Caio Ladeia e Jivago Queirós

Cleyton Reis, Miguel Carlos, Roque Junior e Marcelo Boaro Filho

Sarita Lima e Cauê Hueso

Fábio Siqueira, Sofia Siqueira e Gabriela Siqueira

Marcos Sampaio de A. Prado e Lara Almeida Prado

João Pacheco, Rejane do Valle e José Junior

Fernando Tardioli, Armando de A. Prado Filho, Mario Emílio e Cleber Marconi

80

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Momento Social - 39ª Expo Nacional onal

Caio Ladeia, Rogério Nigro e Almiro Esteves Netto

Dalva Marques, Pedro Marques, Silmara Marques e Gabriel Marques

Adib Ismael e João Tolesano

Eduardo Grespan, José Urbano Junq. de A. Filho e Luís Fernando Sianga

Nilton Luiz Bartoli e Emerson Bartoli

Renato Alves, Daiana Alves e Alice Alves

Paulo Siqueira, José Luiz Moreira e Joaquim Siqueira

Emanuel Sigaud e João Frugis

Camila Glicerio, Sérgio Oliveira e Sérgio Pereira

Celso Jubé, Fábio Veiga, Ivan Aidar, Marcelo Ranulfo, Suzana Oliveira e Lúcia Aidar.

Marcelo Birole, Marcelo Zarif, Pedro Pitanga, Thoni Tomé e Fernando Soubhia

Luíz Fernando R. Pugliesi, André Lisboa e Marcos Cosi

Vera Almeida, Benedito Carlos e Jacira Meneses

Alexandre Bonazza e Matheus Bonazza

Felipe Angelin e Claudia Angelin

Felipe Hamilton Loureiro e Simone Loureiro

Cleber Yamamura e Samuel Pereira

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

81


Momento social - 39ª Expo Nacional Mome

Brunna Novais e Rodrigo Novais

Titão Sampaio e Claudia Souza

Camila Iembo, Carlos Cesar Iembo e João Pedro Iembo

Luiz Roberto, Ana Luiza e Juliana Crotti

Malu Alberto, Edu Alberto e Maria Eduarda

Reginaldo Pereira e Mari Angela Pereira

Juliana Barbosa, Mário Barbosa e Nilton Bartoli

Gustavo Dias e Gabriel Fleury

João Frugis, Isabella Frugis

Alaor Vidotti e Josiane Matta Vidotti

Ivan Aidar e Lúcia Aidar

José Eduardo, Marcos Scarpa, Thaney Silva e Tadeu Alarcon

Luiz Paulo, Fernando Soubhia, Marcelo Biroli, Gerson Franceschini e Antoniele Pereira

Haraclito de Freitas, José Carlos Merenda, Nelson Augusto e Pedro Iembo

Maria Eduarda, Carol do Valle e Eduardo Silvestri

Sergio Proença,Marcos Castro, Geraldo Castro. Renato Giordano, Rodrigo Duque, Luciano Bassalo, Almir Campos e Carlos Brandão

Valdete Cintra, José Larmartine M. Cintra, Roque Nogueira, José Larnartine M. Cintra Filho e Venício Manoel

82

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Espaรงo Empresarial rial



([SHULrQFLDGHDQRV QRWUDQVSRUWHGHHTXLQRV

 FRPHUFLDO#HQYHVSFRPEU6-5LR3UHWR63

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

83


Fidelidade Mangalarga Fid

84

Revista Mangalarga

Dezembro, 2017


Fidelidade Mangalarga ga

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga

85


Índice de Anunciantes Índi

Wine Hunters

Corumbau Participações e Serviços Ltda

86

Revista Mangalarga

Pág. 1 (capa)

Págs. 24 e 25

Haras Zinato

LG Fazenda São Gregório

Pág. 2 (2ª Capa)

Pág. 27

Presidentes ABCCRM

Cogumelos Arabela

Cogumelos Arabela

Pág. 7

Pág. 29

General Motors do Brasil

Mader Silva

Págs. 12 e 13

Pág. 31

Haras Mangabaia

JLC Projetos

Pág. 17

Pág. 33

Total Support

Haras AC

Pág. 19

Pág. 49

Haras R.E.

Fazenda Santa Rita

Pág. 23

Pág. 53

Dezembro, 2017

Revista Mangalarga Dezembro de 2017 - Parte 2  
Revista Mangalarga Dezembro de 2017 - Parte 2  

Confira a segunda parte da edição de dezembro de 2017 da Revista Mangalarga, a publicação oficial da Associação Brasileira de Criadores de C...

Advertisement