Page 1

SEXTA-FEIRA | 01.JUNHO.2018 | N.º 639 Ano V | 4.ª Série Preço € 0,50 | Director João Abreu

C/ 0400

www. issuu.com/osetubalense

 DR 

Crianças dizem que hoje é o dia de serem mais felizes

Nesta edição Especial Dia Mundial da Criança Abertura

PÁG. 03

C/018

C/0255

Marcha das Pontes aposta em coreografia atrevida

Palmela

PÁG. 07

Autarquia quer transporte colectivo mais flexível

Cidade

PÁG. 04

Crianças dão força ao projecto Nosso Bairro

Desporto

PÁGS. 08 a 11

PÁG. 12

Especial Sprint regressa este domingo


02

BLOCO CLÍNICO/ÚTEIS

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

CENTRO MÉDICO E DE ENFERMAGEM DA PORTELA NO CENTRO E NO DOMICÍLIO Relatório pericial médico de avaliação de incapacidade / deficiência, de acordo com a tabela nacional de incapacidades para atestado de incapacidade multiusos

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS DRA. MARIA FILOMENA LOPES PERDIGÃO DR. ALFREDO PERDIGÃO

Todos os serviços de enfermagem e médicos. Injeções Massagista Lino Freire Reumatologia, Ortopedista, Saúde Familiar, Psicologia

Horário 2ª a 6ª-feira: 08.00/12.30 - 14/18.00h Sábado: 09.00/12.00h Rua Jorge de Sousa, 8 | 2900-428 Setúbal www.precilab.pt | tel. 265 529 400/1 telm.: 910 959 933 | Fax: 265 529 408

centro.portela@sapo.pt | Tel. 265 234 520 Av. Bento Gonçalves, 6 D - 2910-431 Setúbal

C/ 1943

Anuncie Aqui O Seu Bloco Clínico Tlf. 265 094 354 Email: geral@ osetubalense.com

Farmácia Portugal DIRECTOR TÉCNICO Fernando Gamito Rodrigues Av. J ai me Corte são, 77-B Te l . 2 6 5 5 3 9 0 6 0 • Setú bal Horário: 09h00 - 13h00; 14h00 - 20h00 Sábado: 09h00 - 13h00 C/1354

LOTARIA POPULAR 1º 63767 2º 97774 3º 95400

C/1762

C/1127

Instituto de Cardiologia de Setúbal

Marés

Rua dos Comediantes nº 9A - Setúbal TELF. 265 531 400 - FAX: 265 531 401 Dr. Arnaldo Fernandes - Cardiologista (Director Técnico) Dr. Agostinho Borges - Cardiologista Pediátrico/ crianças Drª. Leonor Parreira - Cardiologista/ Arritmologista Drª. Sara Gonçalves - Cardiologista Dr. Delfim Lopes - Neurologista Drª. Ivone Fernandes - Pneumologista/ doenças pulmonares Dr. Víctor Fonseca - Pneumologista/ doenças pulmonares Dr. Hugo Pereira - Clínica Geral Drª. Helena Cláudio - Acupuntura - Análises Clínicas -

HOJE Hora

02:03 08:14 14:28 20:31

Farmácias de Serviço

Altura (m)

3.08 0.86 3.09 0.87

Preia-mar Baixa-mar Preia-mar Baixa-mar

AMANHÃ Hora

C/1761

02:43 08:52 15:05 21:09

3.25 0.69 3.27 0.69

Preia-mar Baixa-mar Preia-mar Baixa-mar

DOMINGO Hora

Esta informação não dispensa a consulta dos resultados na página oficial dos Jogos Santa Casa da Misericórdia

Altura (m)

03:21 09:29 15:43 21:47

Altura (m)

3.40 0.55 3.42 0.55

Preia-mar Baixa-mar Preia-mar Baixa-mar

Tempo Amanhã

Hoje

TOTOLOTO 4 • 17 • 21 • 35 • 41 + 4

Domingo

22º 13º

2º 12º

Céu pouco nublado

Céu pouco nublado

22º 12º

Céu pouco nublado

HOJE FAR. CARMO SOBRAL R. Antero Quental, CC Alegro, Lj. 0.032 A, Piso 0 265 537 573

AMANHÃ FAR. COSTA Largo da Misericórdia, 48-50 265 522 760

Taróloga - Margarida Fernandes Aconselhamentos e Cursos de Tarot presenciais, em Setúbal e Quinta do Conde, por telefone e online para Todo o Mundo • Contacto: 961 093 788 • Email: tarot.online2011@gmail.com - www.tarologamargaridafernandes.com • www.facebook.com/TCEMF

Carneiro 21/3 a 20/4 Conselho Do Dia: Seja mais feliz consigo mesmo. Amor: Mantenha-se numa postura mais independente. Trabalho: Concretizará com sucesso trabalhos. Dinheiro: Estável. Saúde: Cuide de si. Touro 21/4 a 21/5 Conselho Do Dia: Seja amável. Amor: O romantismo estará em foco. Declare-se, pois será correspondido. Trabalho: As suas ideias terão projecção. Não passará despercebido. Dinheiro: Prosperidade. Saúde: Dores na garganta. Gémeos 21/5 a 20/6

Conselho Do Dia: Evite confiar em toda a gente. Amor: Estará com atitudes possessivas. Controle-se. Trabalho: Nem tudo correrá como pretende. Há quem se aproveite do seu trabalho. Dinheiro: Gastos excessivos. Saúde: Instabilidade emocional.

Caranguejo 21/6 a 22/7 Conselho Do Dia: Saiba esperar. Amor: Distancie-se mais, para evitar sufocar o seu parceiro. Trabalho: Se possível tire o dia para descansar. Se não for possível, evite pressas na realização de trabalhos. Dinheiro: Dificuldades em recebimentos. Saúde: Faça uma avaliação oalmológica. Leão 23/7 a 22/8

Saúde: Oscilação de peso.

Balança 23/9 a 22/10

Conselho Do Dia: Aproveite mais a vida. Amor: Dedique mais tempo ao amor e à sua cara-metade. Hoje será um dia feliz. Trabalho: Terá uma boa notícia. Um projecto poderá ser encaminhado. Dinheiro: Entradas extra. Saúde: Estável.

Conselho Do Dia: A apatia será prejudicial. Amor: Estará demasiado preso ao passado. Aprenda a viver o presente. Trabalho: A sua inactividade não abonará a seu favor. Saia mais da “casca”. Dinheiro: Gastos. Saúde: Tonturas.

Escorpião 23/10 a 21/11

Virgem 23/8 a 22/9

Sagitário 22/11 a 21/12

Conselho Do Dia: Adopte uma postura mais recta. Amor: Fale com o seu parceiro sobre assuntos pendentes. Seja esclarecedor. Trabalho: Seja menos flexível. Só assim conseguirá manter uma posição forte. Dinheiro: Equilibrado.

Conselho Do Dia: Seja mais lutador. Amor: Apaixone-se e batalhe pela sua felicidade. Trabalho: Terá picardias com colegas. Atenção à sua teimosia. Dinheiro: Dificuldades. Saúde: Controle nódulos. Conselho Do Dia: Seja determinado. Amor: Terá atitudes controladoras. A verdade é que levará as suas vontades a avante. Trabalho: Dominará um projecto. Está em ascensão. Dinheiro: Estável. Saúde: Sujeito a stress.

Capricórnio 22/12 a 19/1

Conselho Do Dia: Tenha atitudes ponderadas. Amor: A sua cara-metade poderá necessitar do seu conselho. Seja paciente. Trabalho: Nada se resolverá e tudo se manterá. Dinheiro: Estagnado. Saúde: Cansaço.

Aquário 20/1 a 18/2

Conselho Do Dia: Encontre a sua paz interior. Amor: Aproveite o dia para estabilizar. Precisa de se encontrar. Trabalho: Tudo estará a decorrer a seu tempo. Dinheiro: Estável. Saúde: Beba mais água.

Peixes 19/2 a 20/3

Conselho Do Dia: Seja mais constante. Amor: Andará ao sabor da maré. Esta instabilidade não será positiva nem para si, nem para a sua vida amorosa. Trabalho: Controle a sua impulsividade. Faça alterações em projectos. Dinheiro: Evite gastos desmedidos. Saúde: Sujeito a estados depressivos.

FARMÁCIA VISO

Rua Batalha do Viso, 123 265 572 101

DOMINGO FAR. RODRIGUES FERREIRA Pç. D. Olga Morais Sarmento, 14 265 546 890

Telefones Úteis Centro de Saúde S. Sebastião Urb. Vale do Cobro, Av. das Descobertas - Tel. 265 708 000

Horóscopo | 01 de JUNHO

FAR. NORMAL DO SUL Praça do Bocage, 135 265 528 450

Centro de Saúde Bonfim Praça do Brasil, 14, 1º Tel. 265 536 570 Ext. de Saúde do Sado Rua Manuel Francisco Novo, Santo Ovídio - Tel. 265 790 460 Ext. de Saúde Bairro Santos Nicolau Rua Prof. Augusto Gomes , 25 Tel. 265 545 200 Ext de Saúde S. Sebastião Urb. Vale do Cobro, Av. das Descobertas Tel. 265 708 000 Ext. de Saúde S. Filipe Rua Batalha do Viso, 46 Tel. 265 572 572 Ext. de Saúde Azeitão Rua Artur Horta, 18 Tel. 212 199 500 Extensão de Saúde Praça da República Praça da República Tel. 265 544 320 Centro Diagnóstico Pneumológico Urb. Vale do Cobro, Av. das Descobertas Tel. 265 708 000 Serviço de Saúde Pública Rua Luís Gonzaga Nascimento, 2, R/C Dto - Tel. 265 544 129/7 Hospital de São Bernardo R. Camilo Castelo Branco Tel. 265 549 000 Hospital Ortopédicodo Outão Tel. 265 543 900 Hospital da Luz - Setúbal (Hospor) EN 10 Km 37 Tel. 265 509 200

FARMÁCIA LOURO R. Frei Ant. das Chagas, 24 A (Montalvão) 265 528 150

Câmara Municipal de Setúbal 265 541 500 Capitania Porto de Setúbal 265 548 270 CP de Setúbal 265 526 845 GNR de Setúbal 265 242 500 Cruz Vermelha Portuguesa 265 522 578 Intoxicações 808 250 143 Piquete Águas do Sado 265 549 300 Piquete EDP 800 506 506 Polícia de Segurança Pública 265 522 022 Polícia Marítima 265 105 123 Protecção Civil de Setúbal 800 212 216 Protecção à Floresta 177 Táxis 913 201 015 | 935 910 222 | 962 012 727 TST Setúbal 265 009 721 LINHA DE EMERGÊNCIA Bomb. Sapadores de Setúbal 265 522 122 Bombeiros Voluntários 265 523 523 Protecção Civil 265 523 223 Cruz Vermelha Portuguesa 918 500 112

Título registado na ERC sob o n.º 107552; Propriedade: Carlos Bordallo -Pinheiro; Director: João Abreu; N.º Registo Legal 8/84; Jornalistas: (Cf. n.º 3 do art.º 14.º do Dec.-Lei n.º 56/2001 de 19/2); Redacção: Tel: 265 092 633; redaccao@ osetubalense.com; Editor - Humberto Lameiras - C.P.J. 2321A - humberto.lameiras@osetubalense.com, Ana Martins Ventura - T.P. nº 2579 - ana.ventura@osetubalense.com; Inês Antunes Malta - T.P. nº 2481 - ines.malta@osetubalense.com; Miguel Nunes Azevedo - T.P. nº 2608 - miguel.azevedo@osetubalense.com; Colaboradores: Fátima Brinca - C.P.J. n.º 2574 - fatima.brinca@osetubalense.com; Rogério Matos - C.P.J. n.º 9929 - rogerio.matos@osetubalense.com; Departamento Comercial: Tel: 265 092 725; Mauro Sérgio - mauro.sergio@osetubalense.com; Célia Felix - celia.felix@osetubalense.com; Paulo Maldonado - paulo.maldonado@setupress.pt; Filipe Tavares - filipe.tavares@osetubalense.com; Departamento Administrativo: Tel: 265 094 354 • geral@osetubalense.com; Dulce Lança - dulce.lanca@osetubalense.com; Branca Belchior - branca.belchior@osetubalense.com; Fotografia: André Areias; Mário Prata; Logística: Luís Kaiseler; Cessionário e Editor: Setupress - Soc. Editora, Lda. - Pessoa Colectiva com o n.º 510 965 423 com domicílio na Travessa Gaspar Agostinho n.º 1 - 1º Andar - 2900-389 Setúbal; Gerentes: Carlos Bordallo-Pinheiro; Maria Luisa Bordallo-Pinheiro; Carlos Dinis Bordallo-Pinheiro; Sócios com mais de 5 % do capital social: Bordalo Pinheiro Holding, Lda., Carlos Dinis Bordallo-Pinheiro e Rafael Bordallo-Pinheiro; Tiragem: 5000 ex.; Paginação: Tel: 265 098 405; Sónia Bordallo-Pinheiro; Marisa Batista; Maria João Besugo - paginacao@osetubalense.com; Impressão: Tipografia Rápida de Setúbal, Lda - Travessa Jorge D’Aquino, 7 - 2900-427 Setúbal - geral@tipografiarapida.pt

O Setubalense publica os trabalhos dos seus jornalistas e colaboradores de acordo com a ortografia por eles escolhida.


ABERTURA

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

03  DR 

Para Flávio Fernandes a luta é sempre pelo pódio Novo desafio A Novo desafio O jovem de 32 anos estreia-se como ensaiador na Marcha da União Desportiva das Pontes, depois de ser marchante durante mais de vinte. Confessa ter ficado surpreendido com a adesão de tantos marchantes, com especial destaque na participação de jovens. POR FÁTIMA BRINCA

O Setubalense – As Marchas continuam a ser um evento de cultura popular que mais mobiliza a população? Flávio Fernandes – Sem dúvida. Ando nas marchas há 20 anos, faço a minha estreia como ensaiador e aceitei este desafio porque me sinto preparado. As marchas são um espectáculo de cultura popular que mobiliza, não só a cidade, mas todo o concelho de Setúbal. O seu percurso foi nas marchas da cidade, mas agora está numa marcha de uma freguesia rural. Sente algumas diferenças?

Ao contrário do que estava à espera, começaram a aparecer marchantes para participarem e alguns muito jovens. Fui bem recebido e cá estou para dar o meu contributo e não desiludir esta comunidade. As sete marchas adultas mantêm-se, mas houve um crescimento a nível de participações infantis, o que agoura a continuidade deste evento? Os miúdos vão tomando o gosto. Tivemos que avançar com a marcha infantil, onde está também o meu filho que já diz que quer ser como o pai. A participação das crianças faz acreditar no futuro das marchas, que continuam a crescer a

Flávio Fernandes aceitou o desafio de ser ensaiador da Marcha da União Desportiva das Pontes, depois de ser marchante durante 20 anos. O empresário de Turismo considera “estar preparado” e “fui muito bem recebido por toda a gente” nível de participantes. Qual o desfile que lhe dá mais prazer? O desfile na avenida Luísa Todi dá-nos um enorme gozo, estamos próximos do público, ouvimos comentários e sugestões o que nos prepara para o concurso na Praça de Toiros. Aquele rufar da caixa faz-nos bater o coração, que ameaça parar.

Também a qualidade das marchas vai aumentando em cada ano que passa? Sou empresário de turismo em Lisboa e conheço as marchas da capital. Apesar das marchas de Setúbal terem apoios de metade do valor, considero que apostamos mais na qualidade. A ligação do público

às marchas fazem vibrar quem participa e quem assiste num calor humano, que nos faz vibrar de alegria e entusiasmo. Apenas tenho pena que os prémios não sejam entregues no final do concurso, pois havia mais emoção. Quais as expectativas para o seu primeiro ano de ensaiador? As expectativas, como diria alguém ligado ao futebol, só no final do jogo, mas estou a dar o meu melhor, com uma coreografia muito atrevida, mais moderna e acredito que o resultado vai ser muito positivo. Não faz sentido não lutarmos com o trabalho que fazemos para ficarmos no pódio. A nossa marcha

Currículo - Flávio Fernandes, 32 anos, empresário turístico - Começou como marchante há 20 anos, onde passou pelo Independente, Palhavã e ACTAS - Colabora com Bruno Frazão nos espectáculos de teatro tem um tema muito específico, muito alegre e cheio de vida. A Grande Marcha deste ano surpreendeu-o? Gosto da Grande Marcha, tem uma excelente letra, apesar de ser difícil de cantar, mas contamos com a nossa madrinha Carla Lança. A nossa marcha também tem um poema muito bonito de Alexandre Marques, musicado por Artur Jordão, onde contamos com a participação de 48 marchantes.


04

CIDADE

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

 FOTOS: IAM 

Ser criança no nosso bairro e na nossa cidade

Cidadania Neste Dia da Criança, O Setubalense foi até à Quinta de Santo António, na Bela Vista, conversar com algumas das crianças que fazem parte do projecto municipal Nosso Bairro, Nossa Cidade sobre como é ser-se criança neste dia que lhes é dedicado. POR INÊS ANTUNES MALTA

A

participação activa e permanente dos moradores em acções de melhoria dos bairros da Bela Vista, da Alameda das Palmeiras, do Forte da Bela Vista, das Manteigadas e da Quinta de Santo António é um dos elementos impulsionadores do programa municipal “Nosso Bairro, Nossa Cidade”, do qual fazem parte as crianças e as actividades que com elas e para elas são desenvolvidas no âmbito deste projecto. “Está a chegar o período de férias de verão e já temos o grupo formado, desde os monitores às crianças que vão participar, que à partida serão entre 100 e 120, nestas Férias no Bairro”, explica Sara Gonçalves, técnica municipal. O Setubalense foi conversar com alguns dos elementos mais novos desta iniciativa e da comunidade sobre como é viver nos bairros abrangidos por este projecto, sobre como é ser-se crian-

ça e sobretudo sobre como é fazer parte da comunidade, desta família maior.

“Eu gosto de ser criança” Andreia Gamito, de 11 anos, vive nas Manteigadas mas brinca na Quinta de Santo António, onde a avó vive. “Estou aqui para aprender”, refere, acrescentando que “não estamos aqui para nos chatear, é para brincar”. Sobre o Dia da Criança, Andreia considera que “é um dia para as crianças se divertirem”. Rui, de 7 anos, por sua vez, diz que “o Dia da Criança é muito fixe e é importante que haja um dia para nós”, tal como é importante “ser criança e ser parte deste bairro e participar nas actividades, nas idas às piscinas e à praia que fazemos no Verão”. A felicidade que sente em relação ao Dia da Criança é partilhada pelo seu amigo Rodrigo para quem este é também “um dia muito feliz”. Para Iara, “ser criança é brincar”. Tem 10 anos e costuma participar nas actividades do Nosso

3 Reparos Reparámos que na Rua António José Baptista, para quem circula no sentido do IEFP-Rotunda dos Quatro Caminhos, do lado esquerdo, junto à Ladeira Forte da Estrela, existe um passeio para peões que está constantemente ocupado por carros, impedindo a passagem de pessoas no local. Reparámos que continua a existir pombos em excesso na zona de Santa Maria, frente à Igreja de Santa Maria e nas respectivas ruas circundantes, que sujam a zona e incomodam moradores e utentes do espaço. Reparámos que continua por arranjar o buraco de grandes dimensões que se encontra na curva da Rua General Daniel de Sousa, para quem sai da Rotunda Praça Tratado de Lisboa e sai na segunda saída à direita, prestes a entrar na Rua Isaías Newton. Por se encontrar numa curva, o buraco torna-se prejudicial e perigoso para a circulação automóvel. Para fazer reparos, pode contactar O Setubalense através do telefone: 265 092 633 ou enviar para o email: redaccao@ osetubalense.com

Bairro, Nossa Cidade de forma regular: “pintamos o nosso bairro para ficar mais bonito que todos os outros, plantamos flores e árvores e estamos todos juntos”. Joaquim, de 10 anos, Helena, de 12, e Adriana, de 7, são irmãos e todos participam no projecto. As idas a lugares novos, ao teatro e à piscina fazem as delícias dos três. “A minha mãe inscreveu-me e gosto de estar aqui. Gosto de ir passear com o grupo, de ir a sítios a que nunca fui”, refere Joaquim, acrescentando, sobre este dia que lhes é dedicado, que “ser criança é bom. Podemos aproveitar muito e eu gosto de ser criança”.

Os monitores Bruna e João são dois dos monitores que trabalham com os mais pequeninos e os orientam nas várias actividades realizadas. Bruna Rebelo vive na Alameda das Palmeiras e é monitora desde o Natal. “Aderi a este projecto porque já me tinham falado, achei interessante e é de facto bom trabalhar com eles”, adianta. João Pereira, por sua vez, também vive na Alameda, faz parte do projecto desde pequenino e sob experiência própria conta que as actividades realizadas com os mais pequenos, “desde as piscinas aos passeios no parque e no bairro, divertem as crianças e são im-

portantes para o seu crescimento”. Francisco viu neste projecto uma forma de passar mais tempo fora de casa e conciliar o seu gosto pela interacção com crianças. “É preciso muita paciência mas tirando isso é revigorante, é bom trabalhar com os mais novos, para também não nos esquecermos que já tivemos aquela idade e para os ajudar a não se meterem em sarilhos”, explica. Também Milene, de 18 anos, e Ana Filipa, de 16, são monitoras e partilham o gosto em trabalhar com crianças. “Sou das poucas adolescentes da minha zona e achei que devia participar para ajudar também”, refere. “Gosto sobretudo de actividades que liguem os bairros todos, que todas as crianças brinquem e interajam entre si”, acrescenta. Ana Filipa, por seu turno, sonha ser educadora de infância e encontra-se a dar os primeiros passos nesse sentido. “Sou da Bela Vista e juntei-me a este projecto porque aqui estou em contacto com as crianças e fazer aquilo de que mais gosto, com elas”.

Liga Contra o Cancro promove diagnóstico precoce da pele

A

manhã, entre as 10h00 e as 17h00, terá lugar uma acção de diagnóstico precoce de cancro de pele, junto ao Grupo de Apoio de Setúbal da Liga Portuguesa Contra o Cancro, na Rua Gama Braga. “Vamos ter duas médicas a realizar o rastreio, a fazer a observação de pessoas que vêm já referenciadas pelos centros de saúde de Setúbal que nos ajudaram neste sentido. Em dados enviados pelas unidades de saúde, da cidade de Setúbal e até de fora, serão cerca de duzentas pessoas a usufruir deste rastreio”, começa por explicar Rui Malheiros, da Coordenação do Núcleo de Setúbal da Liga Portuguesa Contra o Cancro. “Esperamos que as pessoas aproveitem

esta oportunidade e que correspondam a esta iniciativa, que começa este sábado, dia 2, e se prolonga até ao dia 1 de Setembro, numa jornada de rastreios promovida pela Liga”, continua. Envolvidas na iniciativa estão a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados de São Sebastião, de São Nicolau, a Unidade de Cuidados na Comunidade Península Azul - Pólo de Setúbal - Bonfim, Unidade de Saúde Familiar de São Filipe, e Luísa Todi, sem esquecer as Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados de Azeitão e Sado. Apesar de não ser totalmente aberto à comunidade, por ter contado com o apoio dos centros de saúde do distrito para indicar situações que são, ou

podem vir a ser, de risco, sendo esperadas cerca de duzentas pessoas, entre os principais potenciais factores de risco estão o facto de ter mais de 50 anos ou ter historial de cancro de pele pessoal ou familiar, ter mais de 50 sinais e fototipo baixo, ou seja, ter pele clara, olhos verdes ou azuis e cabelos claros - loiros ou ruivos. O coordenador Rui Malheiros alerta para a importância e relevância de iniciativas como esta, uma vez que “o cancro de pele tem vindo a aumentar cada vez mais e é a primeira vez que se realiza uma acção de diagnóstico precoce de cancro de pele em Setúbal”, relembrando que na cidade do rio azul são feitos poucos rastreios. I.A.M


SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

05


06

AZEITÃO

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

FOTOS: IAM E DR 

Associação Meninos de Oiro luta para assegurar direitos das crianças Solidariedade A Associação Meninos de Oiro, situada em Azeitão, tem como principal objectivo defender e proteger os direitos da criança. Em entrevista a O Setubalense a presidente, Maria do Céu Guitart, fala sobre a importância do respeito pelos direitos das crianças, sobre o trabalho realizado na instituição e sobre os planos e sonhos para o futuro. POR INÊS ANTUNES MALTA

A associação começou a 4 de Outubro desde 2002. Desde muito cedo, sempre me interessei pelo tema da criança, sobretudo pela criança vítima de maus tratos. Sempre me sensibilizou. Com os meus 14 anos já sonhava um dia ter aquilo a que na altura se chamava um orfanato e tinha até o plano feito”, começa por revelar Maria do Céu Guitart, presidente da Associação Meninos de Oiro. “Tive uma infância complicada e acho que isso me ligou mais ao assunto, com o qual sempre lidei de perto. E quando tive o meu filho ganhei ainda uma sensibilidade acrescida”, acrescenta. “Fui a um congresso e nesse evento fazia-se um apelo à sociedade civil, que também tinha que agir porque todos nós temos a nossa quota parte de responsabilidade. Aquilo caiu em mim como sendo a hora de eu agir e de criar uma instituição”, explica. “Comecei logo a traçar quais seriam os

objectivos e dei-lhe este nome por várias razões: pela música de José Afonso ‘O meu menino é de oiro’, e até chamava menino de oiro ao meu filho e pensava que todas as mães deveriam chamar isso aos filhos porque todos são meninos de oiro”, adianta. Antes de avançar, Maria do Céu tentou perceber se era necessária uma instituição com estas características em Azeitão e recebeu a resposta de que “era necessária há mais de dez anos pelos problemas que aqui existiam e estavam esquecidos”. A Associação Meninos de Oiro é, assim, uma associação sem fins lucrativos, criada para a defesa dos direitos da criança, à qual foi conferido o estatuto de Instituição Particular de Solidariedade Social em 2003. A equipa foi crescendo, com os anos. A Maria do Céu, juntou-se um grupo de mulheres com o mesmo sonho e, durante 6 anos, trabalharam apenas como vo-

luntárias. Hoje, com um acordo de cooperação com a Segurança Social, a instituição, que começou por servir apenas a Azeitão, chega também a Sesimbra, Almada e Seixal, abrangendo assim um maior número de crianças e famílias, com cerca de 120 crianças e jovens acompanhados. O acompanhamento é feito não apenas à criança mas a todo o agregado familiar por uma equipa técnica de nove elementos “que faz formação contínua, é profissionalmente muito capaz e é também extremamente humana e carinhosa”. Presente na actual sede desde Janeiro de 2014, a presidente da associação deixa ainda um alerta: “continuamos à espera de uma revisão ao acordo de cooperação com a Segurança Social, porque quando fizemos o alargamento de área geográfica, em Maio de 2015, estava implícito que fosse revisto o acordo. Já foi há uns

anos e continua igual. O trabalho é muito maior, a área muito mais ampla, estamos constantemente em deslocações e o valor da comparticipação é igual”.

Mais vale prevenir do que remediar No que diz respeito aos projectos para o futuro, estes são na sua maioria de actuação no sentido da prevenção. Primária, com a Arca do Tesouro, secundária, com O Farol, ou terciária, com o Porto de Abrigo. Porque, para a Meninos de Oiro, “é mais urgente e gratificante prevenir sofrimentos futuros do que remediá-los”. Uma das valências com maior importância actualmente é o Centro de Apoio Familiar e Aconselhamento Parental. “Fomos o segundo CAFAP que apareceu na Margem Sul, e chamamos ‘O Farol’ a esta nossa componente precisamente por querermos que seja a luz que oriente as famílias

para um bom caminho”, explica. A instituição desenvolve uma intervenção especializada dirigida às famílias com crianças e jovens, dotando as mesmas de competências pessoais, sociais e parentais. Intervém em três pontos-chave: o da preservação familiar, para prevenir a retirada da criança ou jovem do seu meio natural de vida; o da reunificação familiar, com intervenção focalizada e intensiva com vista ao regresso da criança ou jovem ao seu meio familiar; e o ponto de encontro familiar, com manutenção ou restabelecimento dos vínculos familiares nos casos de interrupção ou perturbação grave da convivência familiar, designadamente, em situações de conflito parental num espaço neutro e idóneo.

Actividades futuras Para além das conferências que costumam realizar com conferencistas especializados na área, em breve será lançada uma colectânea, no âmbito do aniversário da Meninos de Oiro, que completou recentemente os seus 15 anos existência, de cerca de trinta de autores que se juntaram e escreveram sobre a infância. E amanhã, dia 2, terá lugar um workshop, sobre como lidar com as emoções das crianças, tendo por base técnicas de programação neurolinguística, com Alexandre Monteiro, Coach e Master em Programação Neurolinguística.


PALMELA

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

07

Autarquia aposta em transporte flexível  DR 

Mobilidade A autarquia de Palmela está a promover um estudo, que aposta em implementar soluções para o transporte colectivo no concelho. No balanço da visita à freguesia de Quinta do Anjo, o presidente Álvaro Amaro revelou que está a ser estudada “a aquisição de dois pequenos lotes, entre a Estrada Nacional e o Mercado”, onde “temos a intenção de fazer uma zona de gare para autocarros e uma bolsa de estacionamento”. POR FÁTIMA BRINCA

A

penúltima visita descentralizada do executivo municipal de Palmela foi à Freguesia da Quinta do Anjo, onde as preocupações incidem na falta de transportes públicos entre as várias zonas deste território. No balanço feito pela Câmara de Palmela foi dado a conhecer um “estudo para soluções de transporte flexível em território periurbano”. O presidente Álvaro Amaro anunciou que estão a ser feitas “diligências junto de uma entidade bancária, encontrando-se na fase final de decisão, com vista à aquisição de

dois pequenos lotes, entre a Estrada Nacional e o Mercado”. Os congestionamentos de trânsito junto ao Centro Social de Quinta do Anjo poderão estar em vias de resolução, conforme explicou o edil. “Temos a intenção de fazer uma zona de gare para autocarros e uma bolsa de estacionamento”. O problema do trânsito pode ser drasticamente reduzido se a Câmara conseguir negociar os pequenos lotes, que se localizam junto ao Centro Social, e estão em estado de abandono.

Projecto intermunicipal Na Estrada de Vila Amélia, no entroncamento com a Rua dos

Câmara quer criar gare de autocarros e bolsa de estacionamento neste terreno

Fazendeiros, vai ser implementado um projecto intermunicipal, que engloba, numa primeira fase, os municípios de Palmela, Sesimbra e Setúbal. A intervenção inclui a beneficiação da via com um corredor ciclável, passeio, zona para paragem de transportes públicos e infraestruturação de água e saneamento. A reabilitação incluirá uma segunda fase

O problema do trânsito pode ser drasticamente reduzido se a Câmara conseguir negociar os pequenos lotes, que se localizam junto ao Centro Social, e estão em estado de abandono. na “rotunda da Makro” e S. Gonçalo. As duas intervenções envolvem um investimento de cerca

de um milhão e quatrocentos mil euros, cofinanciado em 50 por cento pelo Portugal 2020.

Dia do Concelho com homenagens a personalidades, lançamento de vinho e exibição de filme  DR 

O

Dia do Concelho de Palmela assinala-se hoje com um vasto programa de iniciativas, que começam com a homena-

gem ao antigo presidente da Assembleia Municipal Vítor Borrego, com o descerramento de uma placa na rua com o seu nome.

A atribuição de Medalhas de Mérito, o lançamento do vinho Foral de Palmela e a exibição do filme “Setembro a vida inteira” assinalam o Dia do Concelho. A atribuição das medalhas começa com a de Dedicação grau ouro aos trabalhadores Ana Paula Ambrósio e a José Joaquim Palheira. Também serão atribuídas 11 medalhas grau ouro aos trabalhadores com 35 anos de serviço prestado; seis medalhas grau prata aos trabalhadores com 25 anos de serviço e 42 grau cobre com 15 anos de serviço. As Medalhas de Participação e Cidadania grau ouro serão atribuídas ao antigo presidente da Freguesia do Poceirão e União de Fregue-

sias, José Silvério e a Leandro Almeida pelo trabalho desenvolvido na Associação de Moradores da Quinta da Torre Marquesa II. As Medalhas de Mérito Municipal irão distinguir o pastor da Igreja Protestante, José Salvador (Cidadania e Solidariedade), o fundador da Confraria Gastronómica, Nuno Gil (Gastronomia), José Meco e Vítor Serrão (Património Cultural e Investigação Historiográfica). José Condinho, Miguel Madaleno e Rui Guerreiro irão receber medalhas de prata na Área da Cultura. Dezoito atletas serão distinguidos na Área do Desporto e na área do Património recebem medalhas os escultores Pedro Botelho e Pedro Marques.

A Câmara de Palmela atribui a Medalha de Mérito na Área de Aniversário à Associação de Reformados do Poceirão.

Vinho Foral de Palmela A adega Venâncio da Costa Lima vai apresentar hoje, às 18h00, o novo vinho Foral de Palmela. A adega do Melhor Moscatel do Mundo quer celebrar a história de Palmela com um Vinho Tinto Reserva feito da casta Castelão, a mais nobre da Região. As comemorações do Dia do Concelho terminam com a exibição do fi lme “Setembro a Vida Inteira”, cujas receitas revertem a favor do Centro Social de Palmela.


08

l especia

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

PSP lança hoje programa para ajudar a encontrar crianças A  FOTO: HTTPS://ESTOUAQUI.MAI.GOV.PT/ 

C/0051

PSP escolheu o Dia Mundial da Criança, que se comemora hoje, 1 de junho, para lançar a 7.ª edição do “Eu Estou aqui” Crianças, um sistema para ajudar a localizar crianças perdidas dos pais. Trata-se de uma pulseira a ser usada pela criança, sendo necessário os pais fazerem o registo prévio da criança para aderir a este programa, através do site https://estouaqui.mai.gov.pt/ , registo que pode ser feito já. Seguidamente, as pulseiras podem ser levantadas nas esquadras referenciadas após o registo. Se ao fim de 25 dias não forem requeridas, o pedido é anulado. Este programa funciona 365 dias por ano, de 1 de junho até 31 de maio do ano seguinte e abrange as crianças dos 2 aos 10

anos de idade. Através deste sistema, em caso de desaparecimento da criança, basta uma chamada para o 112 para serem acciona-

dos vários procedimentos de comunicação com as forças de segurança, sendo enviada uma patrulha da polícia para o local. Entretanto, elementos da PSP

devidamente autorizados para o tratamento de dados deste programa, identificam o processo da criança através do código alfanumérico da pulseira e accio-

nam o contacto de emergência dos pais/encarregados de educação ou responsáveis da escola. Cada pulseira é única e cada uma tem um número diferente que, apesar de perceptível, só pode ser lido pela PSP, através da base de dados. Segundo dados disponibilizados pela PSP à Lusa, entre 1 de junho de 2017 e 29 de maio deste ano foram registados 83 433 pedidos de pulseiras. No verão passado o “Estou aqui” Crianças teve duas ativações, sendo que uma delas anulada por os pais terem aparecido no momento em que o desaparecimento estava a ser comunicado. Este programa tem também a variante “Estou aqui” Adultos. E tal como acontece nas pulseiras para as crianças, os distritos com mais pedidos são Lisboa, Porto e Setúbal.


SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

CRECHE FAMILIAR PRÉ ESCOLAR BERÇARIO CRECHE ATL APOIO ESCOLAR

ATIVIDADES EXTRA CURRICULARES

GINÁSTICA DANÇA INGLÊS CIÊNCIAS

INFORMÁTICA

MÚSICA

C/1500

C/1500

IPSS “O SONHO”

Travessa do Centeio – 2910-459 - Setúbal Telef : 265 741 572 • Fax : 265087906 geral@osonho.pt • facebook.com – IPSS O SONHO

Telef: 265533449 • Fax: 265084023 Rua José Groot Pombo, n.º 8 2910-561 Setúbal acaspirilampos@gmail.com

09


10

DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

“O Dia da Criança foi inventado Direito a ser criança “As crianças hoje não têm tempo para viver a infância. Para ser simplesmente crianças, descontraidamente, sem cumprir compromissos o tempo todo”. Uma reflexão da professora Rute Pereira, em conversa com O Setubalense. A professora comenta os horários demasiado alargados nas escolas, “com as aulas, as atividades extracurriculares eas metas impostas pelas provas de aferição”. No fim do dia “o que resta a estas crianças é muito pouco tempo para serem só crianças”.

POR ANA MARTINS VENTURA

E

m entrevista à turma do 1º ano da Escola Básica Nº 2 do Agrupamento de Escolas Barbosa du Bocage, O Setubalense, com a ajuda da professora Rute Pereira, descobriu o que estas crianças pensam sobre o Dia da Criança. Quem é que inventou o Dia da Criança? Os primeiros a dar as suas ideias foram Paulo, Bernardo, Gonçalo. Entre muitas certe-

zas e dúvidas, ficou claro: foram os pais que inventaram o Dia da Criança. “Eu acho que foram os pais. Eles inventaram o Dia da Criança para oferecerem presentes. No Dia da Criança e quando cai um dente, o meu pai oferece-me sempre um presente”. “Acho que foram eles que prepararam isto tudo para nós termos Dia da Criança…Acho…”. “Não sei quem foi, mas se até os pais e as mães têm um dia. Por isso nós também temos”. Já Laura tem uma ideia um

pouco diferente sobre quem inventou o Dia da Criança. “Foram os nossos pais… ou pensando

bem, se calhar foram outros mais velhos, há muito tempo”. E Vitória e Gustavo, concordam,

 FOTOS: DR 

Casa cheia para a festa de O Sonho

O

Sonho realizou a sua festa de despedida dos finalistas da pré-primária, na qual estiveram presentes as turmas do infantário e respetivos familiares, numa moldura humana impressionante que encheu as instalações do infantário. As várias turmas foram protagonistas de um espetáculo que

decorreu durante a tarde, no qual cantaram e dançaram com uma alegria que contagiou todos os presentes. O infantário, que se prepara para avançar com as atividades ligadas à programação de verão, conta com cerca de 100 crianças no pré-escolar, dos quais 20 foram

finalistas este ano. Em declarações a O Setubalense, o presidente da instituição, Florival Cardoso, disse que o sucesso da iniciativa fica visível pela quantidade de pessoas que fizeram questão de estar presentes. “Todas as IPSS têm como prioridade apoiar as famílias carenciadas e com baixo rendimento e nós não somos excepção. Fazemos o que podemos para ajudar e prestamos um serviço de qualidade, daí já termos esgotado as inscrições para setembro”, revelou Florival Cardoso. Após as apresentações das crianças, houve tempo para a brincadeira. Para os mais velhos hou-

ve os tradicionais comes e bebes, e para os mais novos, além dos brinquedos do infantário, houve música, escorregas insufláveis e dois convidados especiais: um cavalo e um minion (ou mínimo), do popular filme de animação. Depois de um ano em que se viu envolto em alguma polémica, as acusações de corrupção parecem não ter afetado o infantário. Florival Cardoso, que lembrou que as vagas do próximo ano letivo já estão todas ocupadas, revelou que em termos de utentes, O Sonho não saiu prejudicado. “Quem falar com estas famílias percebe que há confiança no nosso trabalho. A queixa apresentada está a seguir o processo normal e logo se saberá se vai haver acusação oficial mas, para mim, não há nada que nos possa ser apontado”, afirmou.


SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

11

para nos fazer felizes” FOTOS: MARIA BALSINHA 

Dia da Criança quando os pais eram mais pequenos, “mas não podiam andar no baloiço, porque podiam ser muito grandes...”.

“quem inventou o Dia da Criança foi Jesus. Há muitos anos”. Yasmin tem a certeza, “o Dia da Criança foi inventado há 199 anos, para as crianças se divertirem num dia para elas, tal como os pais têm”. E a princesa Ariana tem a certeza “o Dia da Criança foi inventado para nos fazer felizes”. Então e quando os pais eram pequeninos, já havia Dia da Criança? Duarte e Gonçalo consideram que sim. “Já havia dia da criança quando os pais eram pequeni-

nos”. Até têm quase certeza, “que foram os avós que inventaram. Há muito tempo… Eles inventa-

Não há cansaço quando a brincadeira é o desporto  FOTOS: MNA 

Teresa, de dez anos

M

enos tempo para brincar não parece ser problema para as crianças quando o motivo é a prática desportiva. Que o digam Teresa e Vitória Carvalho, irmãs que dividem o seu tempo entre a escola e os treinos de ginástica ou natação. Teresa Carvalho, de 10 anos, é

Vitória, de cinco anos

atleta do Vitória Futebol Clube e participa na equipa de trampolins da secção de ginástica. Apesar de um horário preenchido, no qual sai às 17h30 da escola e segue para o treino entre as 18h e as 19h. Não tem muitos colegas a praticar desporto e admite que, mesmo que às vezes saia

um pouco cansada das aulas, raramente falta aos treinos. Já Vitória Carvalho, de cinco anos, pratica natação na Palmela Desporto e também não se sente mais cansada por ter de conciliar escola com o desporto. Ainda que com o desejo de continuar a nadar, gostaria de seguir o mesmo caminho que a irmã e um dia juntar-se à ginástica. Mais tarde, talvez ingressar no futebol, modalidade hoje praticada pelo irmão e que noutros tempos foi uma das antigas paixões da mãe, Raquel Carvalho. “Para nós pais, não é fácil conciliar os horários mas sempre vimos o desporto como algo obrigatório para o desenvolvimento dos nossos filhos, tal como a escola”, revelou a mãe.

ram para as crianças terem um dia especial”. Aisha também acha que havia

O que as crianças fazem neste dia? Entre as muitas opções para o Dia da Criança, algumas são bastante criativas. Mas a verdade é vale tudo o que é possível. Matilde vai “pintar a cara, com uma máscara de cão”. Já Daniela acha que vai à praia, “se não estiver a chover...”.Vladimir vai comer hambúrgueres com o pai, “passear, jogar à bola no parque”.

Parque da Cidade do Montijo recebe milhares de crianças

O

Dia Mundial da Criança, que se assinala hoje, vai envolver a participação de mais de duas mil crianças, das escolas básicas e jardins-de-infância dos Agrupamentos de Escolas do Montijo e Agrupamento de Escolas Poeta Joaquim Serra, que conta com o apoio da Junta de União de Freguesias de Monti-

jo e Afonsoeiro. As comemorações incluem muita animação onde marcam presença a dança, o teatro, a música e uma exposição de desenhos dos mais pequenos sobre o Ano Europeu do Património Cultural, que foi inaugurada no dia 30, na Biblioteca Municipal do Montijo.  C.M.M 


12

Evento Depois de duas edições de prego a fundo na Variante da Várzea, o Setúbal Especial Sprint vai estrear-se com um novo circuito nas Manteigadas e Parque de Santiago. Organização garante que novo percurso é mais cómodo para os condutores e proporcionará um melhor espetáculo. POR MIGUEL NUNES AZEVEDO

A

terceira edição do Setúbal Especial Sprint estará ‘na estrada’ no próximo fim-de-semana, regressando com organização do Clube de Motorismo (CMS) e com uma grande novidade: a mudança da Variante da Várzea para as Manteigadas e Parque de Santiago. Após duas edições bem-su-

C/0255

DESPORTO

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

Emoções do automobilismo em estreia nas Manteigadas

 ARQUIVO 

cedidas, esta alteração de local ocorre por dois motivos, segundo explicou um responsável do CMS a O Setubalense – uma proposta da autarquia e uma decisão da organização em criar um melhor circuito para espectadores e condutores. Mais condução, adrenalina, zonas rápidas, ganchos, saltos e curvas cega são as promessas da organização, numa prova que estará sobre o olhar atento da FPAK – Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting. É esperada uma adesão de participantes semelhante à registado no último ano, com 60 vagas disponíveis para as provas de velocidade e regularidade. O evento tem início marcado para as 10 horas de domingo, com a prova de reconhecimento do percurso. Segue-se o desfi le, pelas 11h45, e os treinos e primeira passagem oficial, pelas 12h30. A segunda e tercei-

Após duas edições na Variante da Várzea, o Setúbal Especial Sprint ruma ao Parque de Santiago para um novo percurso ra passagem estão marcadas para as 14h30 e 16h30, com o Especial Sprint a terminar perto das 19 horas com a entrega de prémios. No entanto, a festa do automobilismo começa no dia anterior, com as verificações técnicas dos veículos a

partir das 16 horas no Auditório José Afonso, onde o público poderá conviver com os condutores e ver de perto os carros que estarão em prova. Haverá também uma partida simbólica nessa noite, marcada para as 22 horas.

Participação da Escola de Condução Golfinho Uma das novidades desta edição será a participação da Escola de Condução Golfinho, que através de uma parceria contará com uma banca e um veículo semi-preparado para pequenas demonstrações de conduções ofensiva e defensiva. Em causa está um projeto da nova gerência da escola, levado a cabo pelo recém-formado departamento de ‘racing’, que deverá entrar em vigor no próximo verão.


SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

Sabores de Setúbal

13

[ FOTOS: DR 

AGENDA GASTRONÓMICA

Onde vamos hoje?

OP/1956

Bolo de Bolacha  FOTOS: DR 

C/1123

Especialidades: Peixe Assado e Pizzas Morada: Praça Machado dos Santos, nº 7 - 10 • 2900-178 Setúbal Contacto: 265 553 493 • tascakefish@hotmail.com Encerra à segunda-feira

2 pacotes de bolacha Maria (ou torrada) 1 café bem forte a solúvel 3 colheres de sopa de Mistur com 20% café 200 ml de água 250 gr de manteiga sem sal à de temperatura ambiente (nada derreter no microondas) em pó250 gr de açúcar amarelo (ou amarelo) apesar de ficar melhor com o adas raspas de chocolate e nozes pic

bolacha embebida em café, barre com uma camada de creme de manteiga. Vá repetindo as camadas até esgotar todos os ingredientes, não esquecendo que no fim se barra o topo e as laterais do bolo com creme. Decorre com chocolate ralado e nozes picadas grosseiramente e leve ao frigorífico até servir, sendo preferível fazer sempre o bolo de véspera. Sirva cortando em fatias. Bom apetite!

Encerra à segunda-feira

Especialidades: Peixe e Carnes Grelhados, Massinha de Sapateira, Arroz de Marisco, Choco Frito. Aos almoços menu do dia Morada: Travessa do Seixal, n.º 8, r/c – Setúbal Contacto: 915 420 976

Restaurante Cervejaria Novo 10 Morada: Av. Luisa Todi, 420/2 – 2900-455 Setúbal Contacto: 265 525 212 Período de Encerramento: À quarta- feira

Fonte: Joana Roque http://paracozinhar. blogspot.pt C/ 1383

para decorar

Preparação: Num robot de cozinha coloque a manteiga partida em bocados, o açúcar amarelo e o café forte. Ligue a máquina e deixe bater bem até todos os ingredientes estarem ligados e a mistura homogénea. Entretanto aqueça a água e junte o café solúvel mexendo bem. Vá mergulhando as bolachas no café e disponha-as num prato de servir. Pode fazer o formato que quiser - eu faço da maneira tradicional: colocar uma bolacha no centro e depois mais 6 bolachas à volta. No fim de cada camada de

C/0256

Ingredientes

C/ 058

Especialidades: Peixe Assado, Cataplana de Peixe e Fondue de Vitela Morada: Rua da Saúde, 34 • 2900-633 Setúbal Contacto: 265 237 738 tascadasmarés@hotmail.com

Especialidades: Comida Vegetariana e Macrobiótica Morada: Av. Luísa Todi, 123 – Setúbal Contacto: 265 233 482 Período de Encerramento: Fim-de-semana

Jaquelina & Filhos - Comércio Geral de Peixes

o m el h or p ar a si re p m se r te os m ta en T no Mercado do Livramento em Setúbal

Qualidades em Peixe Fresco O m el ho r p ar a si no Mercado do Livramento em Setúbal

C/ 0000

Carlos das Caldeiradas

Especialidades: Bifinhos com Molho à Cave, Arroz de Pato, Bacalhau à Casa. Todos os dias pratos diferentes da cozinha tradicional portuguesa Morada: Rua São Tomé e Príncipe, 27 – 265 536 155 Período de Encerramento: Sábado à tarde e domingo


14

SETÚBAL BAY

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

 FOTOS: DR 

Entrevista Depois de conseguir o oitavo lugar na última edição do Setúbal Bay, Angélica André estará de volta para mais uma ‘maratona’ de dez quilómetros. A nadadora, que este ano é a imagem de cartaz da etapa setubalense, afirma estar preparada para regressar ao rio Sado e revelou que a experiência será essencial para contornar os desafios que o rio proporciona.

POR MIGUEL NUNES AZEVEDO

A

ngélica André é uma das grandes esperanças da natação de águas abertas em Portugal. A nadadora do Clube Fluvial Portuense, que repetirá a presença nesta edição do Setúbal Bay, no dia 9 de junho, chega à cidade depois de um ciclo de provas e conquistas de alto nível, entre os quais se destaca o 8º lugar na etapa setubalense da FINA/HOSA Marathon Swim World Series 2017. Em entrevista a O Setubalense, a atleta assume que se sente preparada para mais dez quilómetros a nadar no rio Sado e diz que chegará descansada e com foco em mais um bom resultado em águas sadinas. “Vejo estas provas como mais uma competição. Não é a primeira, não é a segunda e não será

“Quando estou naqueles dez quilómetros, estou apenas concentrada, como sei que fazem os outros nadadores de topo”, afirmou a campeã nacional de águas abertas

Angélica André confia na experiência para ultrapassar um Sado imprevisível a última, portanto deixei de ver como uma prova de superação mas sim como uma nova competição. A minha única superação é conseguir estar com as atletas que vão na frente”, disse Angélica André. A jovem tem conseguido bons resultados no Setúbal Bay. Ao 8º lugar obtido na última edição, junta-se a 5º posição em 2016, que vem reforçar a capacidade da atual campeã nacional. No entanto, Angélica André lembra que no rio azul pode acontecer de tudo. “Todas as edições desta prova são difíceis mas esta vai ser ainda mais competitiva, com muitos dos grandes nomes das águas abertas a participar. Vou procurar ficar nos primeiros 20 lugares, mas o meu principal objetivo é estar sempre no grupo da frente e, no final, chegar o mais longe possível”, revelou. “No rio Sado já fiz provas de dez quilómetros em 02h17, como no ano passado fiz em 01h38. É sempre muito diferente, porque nunca sabemos se haverão correntes e se serão favoráveis ou não. Há também outras situações complicadas, como as boias, mas a experiência serve para nos ajudar a ultrapassar esses obstáculos”, disse a nadadora. Com a FINA/HOSA Marathon Swim World Series 2018 cada vez mais próxima, a jovem só agora pode começar a pensar no

“No rio Sado já fiz provas em 02h17, como no ano passado fiz em 01h38. É sempre muito diferente, porque nunca sabemos se há correntes e se serão favoráveis ou não. (…) A experiência serve para nos ajudar a ultrapassar esses obstáculos”, disse Angélica André regresso a Setúbal uma vez que ainda ontem esteve em competição, representando a Seleção Nacional de natação na Taça LEN Gravelines, em França, juntamente com os colegas Rafael Gil, Tiago Campos e José Carvalho, que também estarão presentes no Setúbal Bay. A nadadora de 23 anos revelou ainda o que lhe passa pela cabeça durante as longas provas de águas abertas. “Há atletas que vão a cantar nos seus pensamentos, mas eu não. Quando estou naqueles dez quilómetros, estou apenas concentrada, como sei que fazem os outros nadadores de topo. Temos muitas decisões que temos de tomar ao longo daquelas horas, temos de saber onde estamos e onde estão os outros, e para isso é preciso concentração”, revelou Angélica André, quinta classificada no último Campeonato Europeu. Para já, com o regresso aos europeus quase garantido, a nada-

dora não quer para já pensar nos Jogos Olímpicos de Tóquio e naquela que poderá ser a sua estreia no palco maior do desporto.

Cabeça de cartaz Depois dos bons resultados obtidos em edições anteriores, Angélica André ficou surpreendida quando viu uma fotografia sua no cartaz da terceira etapa da FINA/HOSA Marathon Swim World Series 2018. “Foi sempre uma surpresa”, admitiu a nadadora, reconhecendo que o facto de ser a única atleta portuguesa em prova poderá ter sido um fator determinante, ao qual se juntam, como é óbvio, o 8º lugar em 2017 e o 5º em 2016. “Penso que tudo ajudou um pouco. Senti alegria quando vi o cartaz”, acrescentou.


CLASSIFICADOS/NECROLOGIA

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

Funeraria

Armindo

Elisa Dos Santos Rodrigues 1920 – 2018)

EMERGÊNCIA FUNERÁRIA

800 217 217 LIGUE GRÁTIS

Alberto Gomes Luís

Paula Cristina Alexandre dos Santos Couto

Armindo Correia de Macedo

(1936 – 2018)

(1962 – 2018)

(1948 – 2018)

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Elisa Dos Santos Rodrigues. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Alberto Gomes Luís. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Paula Cristina Alexandre dos Santos Couto. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Armindo Correia de Macedo. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

Funeraria

Armindo

OPE/000

15

Funeraria

Funeraria

Armindo

Armindo

Funeraria

Armindo

Maria José Costa Alfaiate

Ludovina Maria Serrano

Adriano José Bolotas Domingues

Joaquim Maria Tavares da Silva

(1932-2018)

(1945 – 2018)

(1938 – 2018)

(1950 – 2018)

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Maria José Costa Alfaiate. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Ludovina Maria Serrano. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Adriano José Bolotas Domingues. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

A funerária Armindo lamenta informar o falecimento de Joaquim Maria Tavares da Silva. A família vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolências.

Funeraria

Armindo

Funeraria

Funeraria

Armindo

Armindo

Necrologia

Funeraria

Armindo

Classificados

AGÊNCIA FUNERÁRIA COSTA * SETÚBAL * TELEFONE 265 523 496 www. funeráriacosta.com

Benjamim Nunes Leitão Carvalho FALECEU A 1943 - 2018

PARTICIPAÇÃO, AGRADECIMENTO E MISSA DE 7.º DIA Sua esposa, filhas, genro, netos e restante família cumprem o doloroso dever de participar o falecimento do seu ente querido, cujo funeral se realizou no dia 28.05.2018 para o Crematório de Setúbal. Vêm por este meio, na impossibilidade de o fazerem pessoalmente, agradecer a todas as pessoas que o acompanharam ou que de outra forma manifestaram o seu pesar. Mais informam, que será celebrada Missa de 7.º Dia, Domingo dia 03.06.2018, pelas 10:00 horas, na Igreja de São Paulo. Agradecendo desde já a quem assistir a este acto religioso.

Agência Funerária Santos & Filho, Lda ATENDIMENTO PERMANENTE TELF.: 265 236 111

Vendo

Precisa-se

Para Churrasqueira Take –away Funcionário/a Setúbal 935 505 009

OP/2783

7 maquinas de costura industriais TM 962 489 392 Setúbal

OP/ 2792

Precisa-se

ardina Telefone: 265 094 354

Restaurante Tasca das Marés Precisa de ajudantes de cozinha e empregados/as de mesa Tel.918086128 contactar entre as 9h/10h e 15h /18h

OP/ 2793

Anuncie aqui Contacto: 265 094 354

OP/2796

AGÊNCIA FUNERÁRIA A COSTA

C/ 1799

Serviço Permanente e 265 523 496 Facilidades de pagamento Entrega direta de documentos os na Segurança Social em Lisboa boa

Contacte o Jornal O Setubalense Telefone 265 094 354 Email: geral@osetubalense.com


16

SEXTAFEIRA 01.JUNHO.2018

PUBLICIDADE

Telefone 265094354 geral@osetubalense.com  

Edição nº 639 dia 01 de Junho de 2018

Telefone 265094354 geral@osetubalense.com  

Edição nº 639 dia 01 de Junho de 2018

Advertisement