{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade.

Page 1

5

NOVEMBRO 2018

FOTOREPORTAGEM SEMANA DO CALOIRO

FOTOREPORTAGEM SEMANA HALLOWEEN

1


ÍNDICE

FICHA TÉCNICA

EDITORIAL ................................................................ 2 MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA ................................ 3

Edição: AEISA

MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA DA AEISA .............. 5

Coordenação: Adelaide Cabral

NÚCLEOS DA AEISA ................................................. 6

Redação: Adelaide Cabral

CONSELHO VETERANOS ..................................... 12 DEPARTAMENTOS CONSTITUINTES DA AEISA ... 13

Grafismo: Adelaide Cabral

DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO ..................... 12

Revisão: Vera Rocha, Francisco Palma, Guilherme Roxo

DEPARTAMENTO APOIO AO ESTUDANTE ........... 12 DEPARTAMENTO CIENTIFICO CULTURAL ........... 14

Colaboração: João Pacheco, Carolina Cabral e Duarte Germano

DEPARTAMENTO DESPORTIVO ........................... 15 DEPARTAMENTO INFORMATIVO .......................... 16 DEPARTAMENTO RECREATIVO ............................ 17 PASSATEMPOS ..................................................... 19

EDITORIAL Caros leitores, bem-vindos à 85ª (e minha última edição) d’O Quercus, o Jornal que vos traz todas as novidades! Na presente edição terão a tradicional mensagem da presidência bem como a divulgação das atividades realizadas este semestre pelos núcleos da AEISA: AlimentISA, NAISA, NapISA, ZootecnISA e NuBISA. Para além disso a tuna feminina do nosso Instituto, a Tunassa, que também participou nesta edição com muitas novidades e um convite para espreitarem os seus ensaios! Apresento também 3 textos escritos por caloiros sobre a Semana do Caloiro e respetivas experiências e opiniões. Por fim serão apresentadas algumas informações importantes relativas a cada departamento da DAEISA. Como O Quercus é feito por alunos e para a comunidade do ISA, a participação e as ideias de todos são importantes e bem-vindas. É, muitas vezes, notória a falta de interesse e participação em projetos como este, mas só com a colaboração de todos é possível fazer d’O Quercus um jornal cada vez melhor e de referência para os Estudantes. Não hesitem em enviar um e-mail para oquercus@aeisa.pt! com críticas ou sugestões. Desejo a todos boas leituras e até uma próxima,

Adelaide Cabral 2


MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA DA AEISA Caros estudantes do Instituto Superior de Agronomia,

Foi um prazer poder servir-vos neste ano letivo de 2017/2018. Uma AEISA forte, competente, transparente e ligada aos Estudantes só é possível com Estudantes preocupados, inseridos na sua comunidade, que procuram a excelência académica e que não se conformam com o que está mal e que eles sabem que podiam tornar melhor. Impossível não mencionar a equipa que acreditou neste projeto, que trabalhou para o concretizar e que nunca desistiu perante as muitas dificuldades que apareceram. Concretamente, pode-se realçar, de um longo mandato em termos de obra feita e de um curto mandato em termos de obra ainda por fazer, o Campeonato Nacional Universitário de Equitação (CNUE) organizado pela AEISA – esta organização de um CNU é pioneira por parte da Associação dos Estudantes. De destacar ainda o investimento feito no Desporto Universitário. O acompanhamento foi mais próximo do que nunca, todas as equipas receberam equipamentos novos, incluindo equipamentos alternativos – tais ações podem ter os seus impactos medidos: temos, neste momento, três equipas na 1ª Divisão e um valente grupo de voleibol que não atingiu o objetivo máximo por uma unha negra, mas que não pretende ficar por aqui! Entre muitas outras coisas, pode-se mencionar ainda a adesão massiva e o feedback extraordinariamente positivo da Semana do Caloiro ou a, já há muito aguardada pelos estudantes, liberdade de escolha dos produtos a consumir no Bar do Paulo e em todos os outros estabelecimentos ou eventos no ISA – aos Estudantes foi-lhes devolvida uma liberdade experienciada por todos os maiores de idade em Portugal. Exige-se a conservação, como até aqui, de uma responsabilidade à altura! Tudo isto foi conseguido mantendo a saúde financeira da Associação dos Estudantes. Usámos os fundos que nos foram atribuídos sempre em prol dos Alunos e, com trabalho árduo e perseverança, multiplicámo-lo! Cabe aos alunos, como em todas as Democracias participativas, trazerem-nos os seus inputs. Quais serão as melhores aplicações ou investimentos? O que trará mais benefício aos Estudantes deste muy nobre Instituto? Participem e tragam as vossas sugestões.

3


Deixamos, por fim, um apelo para que o ISA se torne mais forte: as melhores escolas fazemse dos melhores alunos – queiram ser os melhores alunos. Os Eng. Zootécnicos vão-se aperceber que não são 2ª opção – os Veterinários serão seus empregados. Os Engenheiros Agrónomos vão-se aperceber que não são meros executores, desses há muitos a sair de outras agrárias. Os Biólogos vão perceber e valorizar a diferença do seu curso em relação a concorrentes. Raciocínios análogos terão os Arquitetos Paisagistas, os Engenheiros do Ambiente ou os Engenheiros Florestais! Valorizem esta vossa passagem! Superem-se! Desejamos a maior das sortes para a Direção, Mesa da Assembleia Geral e Conselho de Fiscal que nos suceder nesta ilustre instituição e esperemos que sigam a trajetória já tomada de manutenção do Instituto Superior de Agronomia como a nata da nata das escolas de Ciências Agrárias do País. Saudações Agronómicas e nunca se esqueçam… Agronomia é para quem os tem!

A Presidência, Inês Margarida Fernandes e Manuel Inácio

4


NÚCLEOS DA AEISA

NAISA - Núcleo de Ambiente do Instituto Superior de Agronomia

O fim do 1º Semestre aproxima-se a largos passos, como tal, é a altura mais propícia a um balanço das atividades realizadas. O Núcleo de Estudantes de Engenharia do Ambiente faz um balanço bastante positivo. De salientar as atividades de Receção ao Caloiro que decorreram sem complicações e que podemos considerar um sucesso. Gostaríamos também de congratular todos os Veteranos que prestaram uma ajuda indispensável à realização destas mesmas atividades. Foi ainda realizado o tão esperado jantar de curso de Halloween, este ano em conjunto com o NAPISA, núcleo ao qual também gostaríamos de agradecer pela entreajuda e colaboração. Brevemente teremos mais novidades, tal como, a tão aguardada terceira edição das Jornadas do Ambiente, que terão início nas primeiras semanas do segundo semestre. Pretendemos continuar a criar oportunidades no sentido de proporcionar formação e desenvolvimento a nível interpessoal dos estudantes de Engenharia do Ambiente. Continuamos empenhados nos nossos objetivos, tencionamos fomentar mais momentos de convívio, de aprendizagem e disponibilizar camisolas de curso. Queremos também frisar que a nossa “caixa de correio” está sempre aberta e que qualquer um dos membros do NAISA estará sempre disponível para ouvir novas ideias e opiniões. Desejamos a todos um bom fim de semestre e boa sorte para os exames!

Sabias que?

5

Isa Góis

5 de dezembro – Dia Mundial do Solo

Presidente

Estima-se que 25% da diversidade existente no Planeta está no solo.


NuBISA - Núcleo de Biologia do Instituto Superior de Agronomia O primeiro semestre é conhecido como um semestre de grandes obstáculos para qualquer estudante. As desabituações provocadas pelas interrupções letivas comprometem sempre o aproveitamento no início desta época escolar. Apesar desta complicação, sabemos que esta altura é ainda mais difícil para quem acaba de integrar no nível de ensino superior, estes novos alunos, denominados academicamente por caloiros, enfrentam uma nova realidade de ensino, um ensino mais complexo, difícil e bastante mais exigente. No entanto, estes alunos que ingressaram no ensino superior pela primeira vez e até mesmo alunos de outros anos, são acompanhados por organizações académicas que visam a melhor integração e frequentação no ensino superior, proporcionando, por exemplo, atividades a todos os alunos da sua instituição académica. O NuBISA, por quem a Lista L recentemente tomou posse, compromete-se a todos os alunos de Licenciatura, Mestrado e Doutoramento de Biologia diversas atividades academicamente enriquecedoras, tudo com o intuito de tornar a experiência vivida no ensino superior mais recompensadora e enriquecedora, fazendo sempre chegar à biocomunidade, cultura e conhecimento. Direção NuBISA NapISA – Núcleo de Arquitetura Paisagista do Instituto Superior de Agronomia Já nos encontramos muito avançados no primeiro semestre o que significa que está a chegar o Natal, mas também que temos uma época de exames a aproximar-se!! Neste primeiro semestre estivemos presentes nas atividades de integração dos caloiros que correram às mil maravilhas e, portanto, queremos agradecer não só aos membros do NAPISA como também aos alunos que nos ajudaram a ter uma Semana do Caloiro tão produtiva. Estivemos também presentes na Semana dos Saberes, na qual convidámos o Professor Nuno Lecoq para dar uma palestra sobre as diversas saídas profissionais do nosso curso, que correu muito bem, com bastante adesão por parte dos alunos. Recentemente tivemos o nosso jantar de curso na noite de Halloween com a colaboração do NAISA, a quem queremos agradecer a colaboração, jantar este que não podia ter corrido melhor para um primeiro jantar no Bar do Paulo! Em breve haverá mais! Continuamos a trabalhar no Kit de AP para termos as camisolas mais giras do Instituto. Lamentamos a demora, mas garantimos que só está a demorar porque queremos arranjar o melhor preço possível para todos. Por fim, queremos anunciar que em breve teremos novidades sobre workshops de Autocad e Photoshop nos quais gostávamos muito de ter a vossa participação! Adelaide Cabral 6


AlimentISA – Núcleo de Estudantes de Engenharia Alimentar do ISA Numa altura em que já se começa a pensar no final do semestre, o AlimentISA já começa a olha para o trabalho de todo um mandato. Encontramonos em período de fecho de atividades. Guardamos connosco todos os momentos passados a tornar um bocadinho melhor a vida dos nossos estudantes e a contribuir para a nossa mais e melhor formação. Relembramos momentos como as formações realizadas, palestras organizadas, convívios, os míticos jantares de curso e, mais recentemente, a receção aos novos alunos. Tivemos mais recentemente o grandioso jantar de Alimentar, e ainda uma palestra – “Acabei o curso. E agora?” – Orada pelo Engenheiro André Barbosa da Auchan, no âmbito da Semana dos Saberes organizada pela nossa AEISA. Podemos ainda dizer que foi concluída a Formação em Avaliação e Implementação do Sistema HACCP com sucesso. Neste que também é o último artigo escrito pela atual direção do AlimentISA, queremos deixar o nosso agradecimento por nos terem confiado a árdua tarefa de representar o curso com mais categoria. Saudações Alimentares, AlimentISA

7


TUNASSA Com o semestre já a meio e com a chegada do frio, nada melhor que aquecer as vozes com cantoria e alegria para nos prepararmos para os festivais que se avizinham! Se já te ambientaste ao ritmo da faculdade, queres quebrar a rotina e obter novas experiências académicas, junta-te a nós! Canta e diverte-te nos nossos ensaios! Aparece!!

8


APEF - Associação portuguesa de estudantes florestais

A Associação Portuguesa dos Estudantes Florestais esteve presente na semana de inscrições dos novos alunos 2018/2019 com uma banca no Edifício Principal do Instituto Superior de Agronomia onde demos a conhecer aos novos estudantes os principais objetivos e eventos da nossa Associação. Vários elementos da APEF também colaboraram em atividades promovidas pela AEISA durante a Receção ao Caloiro 2018, entre as quais a Tarde de Núcleos e a Caça ao Tesouro nas quais existiram atividades de integração com os caloiros. Em 2018 a APEF comemora os seus trinta anos de existência e por isso durante este semestre tem programados diversos eventos para dar continuidade às celebrações do seu aniversário. Estejam atentos à nossa página de Facebook, Instagram e também ao nosso website para ficarem a par das novidades!

Saudações Florestais!

9


DEPARTAMENTOS CONSTITUINTES DA DAEISA

DEPARTAMENTO DE APOIO AO ESTUDANTE

O Departamento de Apoio ao Estudante ao longo do mandato 2017/2018 procurou colaborar na resolução de problemas diários dos nossos estudantes, ajudar a colmatar as falhas que o ensino superior, a nível nacional, apresenta, bem como fornecer aos estudantes ferramentas para complementarem a sua formação académica. Estreitámos relações entre a AEISA, os estudantes, o corpo docente, o conselho de gestão e sociedade em geral, colaborando ativamente na vida académica da comunidade do ISA. Incentivámos os estudantes a lutar pelos seus direitos e investir no seu futuro e estivemos sempre focados nas seguintes áreas: ação social através da colaboração com entidades parceiras, estreitando a relação dos estudantes e a comunidade com a realização de ações solidárias; política educativa, com um trabalho constante junta da Federação Académica de Lisboa e outras Associações Académicas e de Estudantes para fornecer as melhores condições aos estudantes para ingressarem / permanecerem no Ensino Superior; empreendedorismo e relações internacionais, procurando estabelecer ligações com o mercado de trabalho através da Semana dos Saberes e do Empreendedorismo, bem como na receção e acompanhamento dos estudantes internacionais. Assim, representámos os estudantes, apoiámos as suas causas e acompanhámo-los em todos os momentos que envolveram matérias importantes. Desta forma, desde o início até ao fim do mandato, preparámos e executámos um trabalho exímio em todas as áreas com o objetivo de defender os estudantes e os seus direitos e fazendo mais e melhor pelo seu percurso académico.

Inês Margarida Fernandes, Inês Costa, Manuel Inácio e Leonor Orvalho Justino

10


DEPARTAMENTO CIENTÍFICO CULTURAL

Foi um mês em cheio para o Departamento Científico Cultural, nos dias 19, 20 e 21 de novembro realizou-se a semana dos saberes, que contou com três palestras e um workshop. No dia 19, contamos com a presença do Dr. Ricardo Boavida Ferreira, que nos veio falar sobre a deflamina, uma proteína encontrada no tremoço que tem propriedades anti-inflamatórias e anticancerígenas. O Dr. Nuno Lecoq, um arquiteto de renome também foi um orador desta semana, onde nos veio elucidar sobre saídas profissionais na área da arquitetura paisagista. No dia 20, tivemos uma palestra com o Eng. André Barbosa, que veio falar sobre a sua experiência após acabar o curso de Eng. Alimentar e de como proceder após isto. No dia 21, tivemos o Bastonário da Ordem dos Biólogos que nos veio ensinar como fazer um CV e de aspetos importantes a ter em conta numa entrevista de emprego. Esta semana terminou com o 107º Aniversário da AEISA, que contou com a presença do Presidente do Conselho de Gestão do ISA, o Dr. António Brito, ex-Presidentes da AEISA e muitas outras identidades de renome neste Instituto. Para além disto, realizámos um concurso de fotografia, que tinha como tema principal “Lisboa”. Este concurso contou com inúmeros participantes, mas no fim apenas podemos ter 3 vencedores: Em 1º Lugar, Cristiana Nunes Duarte do Vale; 2º Lugar, Catarina de Almeida Amaral; e em 3º Lugar, Catarina Silva Branco.

Fig.2: Foto Vencedora do Concurso de Fotografia

Fig.1: Cerimónia dos 107 anos da AEISA

Fig.3: Foto do 2º Vencedor do Concurso de Fotografia 11

Fig.4: Foto do 3º Vencedor do Concurso de Fotografia


DEPARTAMENTO DESPORTIVO Caros colegas do Instituto Superior de Agronomia, Muito obrigado por nos terem eleito para esta tarefa de cuidar do Desporto Universitário do ISA no ano letivo de 2017/2018. Foi para nós um prazer! Num sentido, tivemos o mesmo de sempre... O Rugby, o Futebol, o Futsal, o Vólei e o mítico Campeonato da Tapada. Depois, houve só tudo o resto! As pequenas diferenças estão no facto de, por exemplo, os nossos guerreiros do Rugby já não estarem sozinhos na 1ª Divisão – tanto o Futsal como o Futebol se superaram para lhes ir fazer companhia. As emoções do Vólei não ficaram atrás, todavia as nossas valentes quiseram ficar mais um ano a treinar de modo a que a entrada na 1ª Divisão fosse logo para ganhar. O nosso Campeonato Nacional de Equitação foi “jogado em casa”, pois a organização foi feita pela vossa AE. A participação dos nossos cavaleiros foi de nota e várias medalhas vieram para esta Casa. Sabemos que, por vezes, grandes mudanças vêm nas pequenas coisas. Tentámos acompanhar os “nossos meninos” com proximidade total, andámos sempre em cima do calendário, as inscrições foram feitas a tempo, as convocatórias idem. Entregamos um Departamento Desportivo a velocidade cruzeiro e com um qualidade técnica que, com apenas 1600 estudantes, pode tornar o ISA uma das referências nacionais do Desporto Universitário. Esta ambição foi o que vocês, caros atletas, nos deram. Façam mais uma época de luxo e não deixem ninguém vos parar. Boa sorte para os próximos a quem entregarão a vossa gestão – exijam-lhes tudo o que necessitam para alcançar a excelência! Saudações Agronómicas e é bom nunca esquecer... Agronomia é para quem os tem! Francisco Subtil Filipe Figueira Liana Costa Alexandre Alves

12


DEPARTAMENTO INFORMATIVO

O Departamento Informativo é responsável por toda a imagem, comunicação interna e externa da DAEISA. Ao longo de todo o mandato, tentámos apostar sempre na melhor forma de divulgação dos eventos da AEISA, bem como do ISA e outros eventos externos de entidades diretamente relacionadas com a nossa Associação. Cumprimos quase a 100% o nosso plano de atividades, lamentando atividades pontuais que por falta de agenda e mesmo até por sobreposição de trabalho prioritário de outros departamentos, não foram realizadas. Algum deste trabalho pode não ser percetível por ser diário que é apenas interno, mas pelo seu detalhe e tempo dedicado, ocupou parte do tempo do Departamento Informativo. Com altos e baixos, mais ou menos tempo, reuniões e algumas divergências, fomos uma equipa unida, focada e proactiva, que resulta num mandato que no que ao Departamento Informativo diz respeito, muito nos orgulha, porque o nosso foco foi sempre na melhor forma de abordar os nossos estudantes e julgo que o conseguimos! Espero que para o ano continuem a desenvolver o trabalho deste “ingrato” mas tão importante departamento, trazendo maior participação para os eventos recreativos bem como para os culturais. Para saberes mais sobre o nosso trabalho, entra em contacto connosco através do endereço informativo@aeisa.pt! Filipa Sousa Coordenadora do Departamento Informativo

13


SEMANA DO CALOIRO

14


15


DEPARTAMENTO RECREATIVO

Caros colegas, Antes de tudo queríamos agradecer por terem participado nas nossas festas. Agradecer por terem enchido os eventos, terem aproveitado ao máximo e terem feito história no nosso Instituto. Este ano mostrámos o que é a nossa identidade, mostrámos que as festas não se fazem de artistas mas sim de pessoas. Pessoas que querem conviver, divertir-se e aproveitar os melhores tempos da sua vida. Desde o convívio de Natal até ao Magusto Agronómico realizámos mais de 16 eventos recreativos apesar de todos os constrangimentos com licenças, o mercado de artistas estar cada vez mais dispendioso e o número de eventos em Lisboa ser cada vez maior. Superámos estas dificuldades, apostámos em ter uma bilheteira mais barata, reduzimos as despesas nos eventos com ajuda do departamento Administrativo, cortámos em custos desnecessários e melhorámos muito a nossa publicidade de eventos graças ao departamento Informativo. Orgulhamo-nos em dizer que as festas de Agronomia estão de novo na moda. Estão na moda porque temos festas diferentes das outras e voltámos a apostar no que em tempos foi tão característico, o inexplicável espírito agronómico. É ótimo chegar ao fim e perceber que valeu a pena termos dormido mal tantas noites, termos estudado menos, termos corrido para resolver problemas e não termos aproveitado as festas como gostaríamos. Valeu a pena porque vos demos momentos de felicidade e divertimento que vão ficar marcados em todos vós e isso sempre nos encheu de vontade de suar por esta camisola. Obrigado por nos permitirem tornar o nosso poder em serviço. Bom Natal a todos e um ótimo ano novo. Para o ano há mais!

Melhores cumprimentos, Francisco Palma – Coordenador Bernardo Marques – Recreativa Rodrigo Campos – Apoio Logístico Mariana Maçãs – Apoio a Eventos Manuel Matos - Sonora

16


Como é ser caloiro no ISA? João Pacheco – Aluno de Engenharia Agronómica Ser caloiro no ISA O que é ser caloiro? É a pergunta que muitos fazem. E a resposta normalmente é: “É seres o mais novo e os que estão lá há mais tempo poderem praxar-te.” Mas as coisas não são bem assim. 1º As praxes no ISA não são o abuso que muitas vezes ouvimos, têm partes em que nos sujamos, mas sempre com o nosso consentimento. 2º Os alunos do ISA integram os mais novos (caloiros). E por fim somos todos considerados iguais (“o que na minha opinião é ótimo”) A minha experiência como caloiro foi muito agradável, conheci imensas pessoas, das quais é provável nunca mais me esquecer. Foram dias e noites passadas com aqueles que mais me podiam ensinar sobre a vida na cidade de Lisboa e sobre a vida universitária no ISA. A hierarquia no ISA é um pouco esquecida, o que para mim é um ponto positivo pois promove a integração de todos sem constante diferenciação de quem é responsável ou de quem manda mais ou menos. Se tivesse de descrever o ISA numa palavra diria: “AJUDA”, não devido à localização, mas sim devido à entreajuda de todos sobre todos, nesta nova fase na nossa vida isso transmite-nos segurança.

João Pacheco

17


Duarte Germano – Aluno de Engenharia Alimentar Antes de mais, um sincero obrigado. Obrigado a todos aqueles que contribuíram para que cada um dos caloiros se sinta tão em casa no ISA como na sua própria. Desde a AEISA por ter organizado a Receção ao Caloiro, aos vários núcleos pela participação na integração de cada um de nós, como da sua presença nas praxes, continuando pela TUNASSA e AgriculTUNA que tão bem nos souberam acolher musicalmente, e não só, no muy nobre Instituto Superior de Agronomia, e numa nota pessoal, ao meu padrinho, pela fraternidade, força e carinho transmitidos. Bem-haja! O início da minha jornada no ISA começou com um, animado e bem regado, dia de inscrições. Apenas umas quantas horas no edifício principal e consegui trocar impressões com alguns veteranos acerca do curso, universidade, partilhar pequeninos receios com caloiros, ouvir umas cantorias, mas sobretudo conhecer muitos futuros colegas de universidade. Seguiu-se o “Vem conhecer a Tapada”. Com o final destes dois dias veio o primeiro dia de aulas e o primeiro dia de praxes. A mitificação da praxe foi, no decorrer daquele dia, completamente destruída por todo e qualquer caloiro que tenha atendido à primeira de muitas atividades de integração no ISA. O veterano trata o caloiro por você e o caloiro trata o veterano por você. Ninguém é diferente, ninguém é maior, ninguém é menor. Ninguém é humilhado, desprezado ou gozado. Ninguém se ri de ninguém, todos riram connosco. Ninguém foi posto de parte, nem o mais tímido, nem o mais extrovertido e todos vivemos o primeiro dia como algo especial, tanto caloiros como veteranos. Especial na medida em que sentimos que ali começavam a germinar todas as raízes de um futuro académico cheio de aventuras, peripécias, dissabores, amores, e muitas mais que o universo da Agronomia nos traria. Encaminhamo-nos então para uma enriquecedora semana, cheia de companheirismo, camaradagem, confraternização e inserção para com todos. Os mais velhos acolheram-nos, os caloiros, entre eles, amigos tornaram-se, os veteranos juntaram-se, e o ano começou. Desde festas, a praxes sociais, conversas de intervalo, descobertas pela universidade a tudo. Aos poucos mentalizamo-nos que o ISA seria a nossa casa, a nossa nova casa, que estaríamos materializados com o Instituto e que aquela vista da Ponte 25 de Abril era como que uma metáfora. A Ponte era na verdade um sentido figurado do ISA, já que o Instituto é que seria como uma ponte para o nosso futuro. Com o final da primeira semana, veio a segunda semana de aulas e de praxes também. E no termo dessa, veio a outra e por aí diante. Juntaram-se novos amigos com os alunos que foram recebidos na 2ª fase e mais tarde, na 3ª fase. Agora, ao fim de dois meses e duas semanas posso dizer, sem qualquer hesitação. Eu integrei-me no ISA e o ISA integrou-se a mim. O ISA sou eu. O ISA somos nós. O ISA é a melhor faculdade de ciências agrárias no País. Nós somos a melhor faculdade de ciências agrárias do País. O que o ISA constrói ninguém destrói e o que nós iremos construir durante estes 3 anos ou mais, ninguém destruirá. Obrigado!! Duarte Germano 18


Maria Carolina Cabral – Aluna de Engenharia Zootécnica

A cada passo que dava o nervosismo aumentava. A ansiedade, e talvez o medo, do que se avizinhava iam-me invadindo lentamente. O Instituto Superior de Agronomia não foi a minha primeira opção na candidatura ao Ensino Superior. No entanto, quando recebi o resultado da colocação, agarrei o desafio com esperança que me trouxesse algo bom. Era dia de inscrições e eu não sabia o que esperar! Contudo, foi nesse mesmo dia que respirei de alívio e comecei a ter a certeza que tinha tomado a decisão correta. Agora, passado cerca de dois meses, já não há dúvidas! O ambiente que aqui se vive é espetacular, e desde os primeiros dias de aulas, somos integrados e levados a conhecer toda uma variedade de pessoas, sejam elas caloiras ou não. A relação de entreajuda que se cria, principalmente na praxe, entre novos e antigos alunos supera qualquer expectativa e sem darmos conta crescem laços fortes de amizade. Eu não podia estar mais grata pelas pessoas que conheci e pelas amizades que fiz! Na verdade, há uma grande facilidade em manter um muito bom ambiente não só entre alunos, mas também com os professores. Claro que cada um deles tem o seu método de ensino, mas todos têm uma coisa em comum: estão sempre disponíveis a ajudar os alunos! Acho que este é um ponto fundamental porque não nos sentimos desamparados. Penso que seja difícil encontrar uma faculdade que nos proporcione uma vida académica rica em todos os aspetos, mas, pelo que tenho vivido aqui, tenho a certeza que o ISA está à altura do desafio! O meu percurso no Ensino Superior ainda mal começou, e muitos desafios ainda estão por vir. Mas de uma coisa tenho a certeza, escolher o Instituto Superior de Agronomia como minha segunda casa nos próximos três anos, foi a melhor decisão que tomei!

Maria Carolina Cabral

19


PASSATEMPOS Piadas A partir de quantas cervejas se pode dizer que tens um problema grave? Quando já não há nenhuma.

Como é que se diz “surpresa” em chinês? Chan-chan-cha! Onde é que os anões se embebedam? No mini bar.

Qual é o teu nível de português? Acima da média. Então escreve duas palavras com til (~). MaTILde, CloTILde…

Sempre ouvi dizer que para toda a panela existe uma tampa. Começo a achar que és uma frigideira.

O para-quedas é o único meio de transporte que, quando avaria, chegas mais depressa ao destino.

Hoje ao cumprimentar o meu patrão, ele disse-me para ter um bom dia. Agradeci e fui para casa.

Qual é a marca de computadores que canta melhor? A Dell.

Porque é que queres acabar comigo? Estou farta das tuas mentiras. Não facas isso, estou grávido de ti!

Querida….Cheguei! Não esperes por mim para jantar! Porquê? Porque já cheguei…

Não te cansas de dormir? Não, eu não durmo a correr.

20


PARCEIROS

Triunfo da Liberdade - Quercus Bar - Posto Apícola - Clínica Veterinária de Alcântara – Meteorturtle

21


22


23


24

Profile for O Quercus - Jornal

Edição nº 85 - Novembro 2018  

Edição nº 85 - Novembro 2018  

Advertisement