Issuu on Google+

4000 na 3ª Meia e Mini Maratona de Famalicão Gindança na final da Taça de Portugal de dança desportiva A Gindança fechou com chave de ouro a época desportiva. A equipa famalicense marcou presença na final da Taça de Portugal, onde obteve bons resultados: Tomás Gomes sagraram-se vice-campeões em Juvenis 1 Standard e o 4º lugar em Latinas; Filipe Gomes e Lara Batista ficaram em 2º em Juniores 1 Open Standard e Latinas; Gonçalo Conde e Bruna Matos foram vice-campeões de Juniores 2 Iniciados Standard e 5ºs classificados em Latinas; Telmo Teixeira e Sara Teixeira ficaram em 7º e 9º lugar em Juniores 2 Iniciados Standard e Latinas, respetivamente e, por fim, Rafael Almeida e Sara Peixoto ficaram na 3ª posição em Adultos Open Standard e na 4ª em Adultos pre-open. A prova serviu ainda para a Federação Portuguesa de Dança Desportiva homenagear todos os dançarinos da seleção nacional, entre os quais os pares famalicenses Sérgio Costa/Rita Almeida e Rafael Almeida/Sara Peixoto.

Superou forte concorrência e voltou a subir ao lugar mais alto do pódio da competição internacional

José Azevedo revalida título mundial INAS Filipe Jesus os 11 e 12 km, senti grandes dificuldades, mas acabaria por me José Azevedo foi protagonista sentir melhor a partir dos 14 km. principal do 7º Campeonato do Depois, perto dos 18 km, lancei o Mundo para a Deficiência Inte- ataque e dei tudo, tendo feito um lectual, que decorreu em Évora. esforço muito grande”, revelou. O famalicense foi o primeiro a O famalicense sublinhou ter cortar a meta, com o tempo de sido “uma vitória tática, pois sa1.11.14, e renovou assim o título bia que não poderia colocar um mundial que havia arrecadado ritmo forte desde início”. José no ano passado, no Peso da Ré- Azevedo admitiu que “não engua. trou no jogo pretendido pelo jaEm representação da Sele- ponês Kaneko” tendo guardado ção Nacional de Meia Maratona alguns trunfos para a fase final ANDDI, o atleta bateu a forte con- da prova, onde “foi mesmo ao licorrência do japonês Ryo Kaneko mite para garantir uma das vitóe do espanhol Asier Santos e rias mais sofridas”. contribuiu, deste modo, para a A alegria transbordava no fivitória coletiva da seleção lusa, nal da prova, pois o atleta iria que venceu com apenas quatro “sentir tristeza se não consesegundos de diferença em rela- guisse revalidar o título no nosso ção à formação nipónica. país”. Garantido mais um triunfo Na antecâmara da prova, em provas de grande prestígio, José Azevedo confidenciou que José Azevedo já aponta baterias iria lutar por um lugar no pódio, para outros desafios: “já estou a pese revelar ainda algumas limi- preparar a São Silvestre e o Camtações físicas decorrente da par- peonato da Europa de Pista Coticipação na Maratona do Porto. berta, que vai realizar-se na ReO estado físico foi, porém, um pública Checa. Antes disso, irei importante fator para o famali- competir este fim de semana cense definir uma estratégia de numa prova emblemática da sucesso. Suíça”. Provas em que o famali“Estava um pouco desgas- cense irá encarar, claramente, tado e, por isso, tentei defender- com níveis elevados de conme ao máximo do Kaneko. Entre fiança. pub


18

opiniãosport: 30 de novembro de 2016

FUTEBOL

A uma semana de defrontar o líder, oliveirenses somam quinta vitória consecutiva

Vinte minutos de intenso domínio embalam AD Oliveirense Campo de Ribes Árbitro: Daniel Cardoso (AF Aveiro) Auxiliares: Carlos Martins e Nélson Cardoso

AD Oliveirense Limianos André Fonseca Paulinho Manuel Pedro Nélson Sampaio André Pereira Jacob Neves (Kingsley 23’) James Jorginho (Fininho 63’) Vítor Hugo (Dibola 83’) João Rodrigues

Bean Zé Santos Zé Nando João Ribeiro Ken Bicho Rafa Kiko (Chiquinho 79’) Jójó Moreira (Darson 36’) Marco Amorim

Treinadores Alexandre Ribeiro

Sérgio Campelo

Golos: 1-0 Jorginho (8’); 2-0 James (9’); 3-0 João Rodrigues (18’); 3-1 Bicho (45’ g.p.). Cartões Amarelos: Neves (4’); Jójó (41’); Paulinho (44’); João Ribeiro (59’) e Fininho (90+2’). Cartões Vermelhos: Não houve.

Aristides Ferreira meio-campo e aproveitou o espaço concedido pelo adversário Sem desarmar na luta pelo acesso para elevar para 2-0. à fase de subida. A vitória inquesOs pupilos de Sérgio Campelo tionável da Associação Desportiva estavam atónitos com o início de (AD) Oliveirense frente ao Limia- jogo e esboçaram uma ténue reanos foi mais um sinal da quali- ção, mas sem consequências para dade do conjunto famalicense, o último reduto da equipa da que cedo resolveu a contenda e casa. garantiu o quinto êxito seguido. A tarde parecia pertencer, por A equipa de Alexandre Ribeiro inteiro, à AD Oliveirense, já que entrou determinada em conquis- João Rodrigues balançou novatar mais uma vitória frente ao pe- mente as redes do opositor ainda núltimo classificado. Apesar de antes dos 20 minutos. O extremo ter novo timoneiro, a formação de recebeu o esférico no corredor diPonte de Lima resistiu apenas 7 reito e, num cruzamento-remate, minutos: depois de uma primeira colocou a bola no ângulo superior tentativa infrutífera, Vítor Hugo da baliza de Bean. Um golo de ofereceu o primeiro golo da tarde belo efeito que levou os adeptos a Jorginho. oliveirenses ao delírio, pois já A entrada a todo o gás da AD sentiam o cheiro a goleada. Oliveirense não permitiu reação O conjunto de Alexandre Riaos forasteiros, pois o Limianos beiro não se deu por satisfeito e ainda não se tinha refeito do pri- continuou a carregar. No entanto, meiro golo quando surgiu o se- a falta de pontaria dos avançados gundo. James roubou a bola a e a inspiração do guarda-redes

Márcio Sousa é o novo presidente da AFSA Márcio Sousa foi eleito, na passada sexta-feira, como novo presidente da Associação de Futebol de Salão Amador de Famalicão. A lista encabeçada pelo novo responsável diretivo foi a única a apresentar-se a sufrágio e foi, por isso, eleita por unanimidade. A Mesa da Assembleia Geral será presidida por Domingos Azevedo, enquanto José Alves irá liderar o Conselho Fiscal. Para além das eleições, foram aprovadas, por unanimidade, em assembleia geral, as contas relativas à época passada, bem como o orçamento e plano de atividades para a presente época.

Resultados da AFSA A 5ª jornada do Campeonato Concelhio de futsal da 1ª Divisão, organizado pela Associação de Futebol de Salão Amador (AFSA), realizou-se no passado sábado e terminou com os seguintes resultados: ADESPO 0-1 S. Martinho; ARPO 5-1 Flôr do Monte; Esmeriz 2-1 Gente Fantástica; Carreira 2-2 Novais; JASP 4-4 Outeirense; Pedome 1-1 Cajada e ADERM 36 ACURA. O Cajada mantém-se no 1º lugar, com 11 pontos, perseguido pelo Pedome, que tem menos um ponto. A próxima ronda disputa-se no sábado e contempla os seguintes duelos: S. Martinho – Esmeriz (16h);Gente Fantástica – JASP (16h30); Flôr do Monte – Pedome (17h); Outeirense – ARPO (17h); Novais – ADESPO (17h); ACURA – Carreira (18h) e Cajada – ADERM (18h). No torneio de abertura de Veteranos, a ronda 3 teve os seguintes desfechos: Bairrense 23 Flôr do Monte; Covense 5-4 GRAC; Novais 4-8 Pedome e Barrimau 2-7 S. Mateus. O Covense lidera a classificação da Série A, com 6 pon-

tos, seguido do S. Mateus, que tem menos um jogo. Já a Série B é comandada pela Flôr do Monte, que soma três jogos em outros tantos jogos. Na próxima jornada, agendada para sexta-feira, estão agendados os jogos S. Mateus – GRAC (20h30); Barrimau – Covense (20h30); Flôr do Monte – Pedome (21h) e Bairrense – Novais (21h). Em Seniores, os resultados foram os seguintes: 1º Maio 21 Bente; Vermoim 0-4 Landim e Barrimau 3-4 Castelões. A equipa de Landim lidera, fruto das vitórias nos dois jogos realizados. A próxima jornada terá os duelos Landim – 1º Maio; Bente – Castelões e Barrimau – Vermoim. Por fim, em Juvenis, os resultados da 2ª jornada foram os seguintes: ARPO 3-2 Pedome; Castelões 4-2 1º Maio; Outeirense 2-3 GRAC. O calendário ditou que a jornada 3 se disputasse no domingo: 1º Maio – GRAC (10h30); Outeirense – ARPO (10h30) e Pedome – Castelões (11h).

Bean evitaram novos festejos no Campo de Ribes. Apesar da clara supremacia dos locais, o intervalo não chegaria sem o golo do Limianos. Paulinho derrubou Zé Nando na grande área e Bicho converteu a grande penalidade. Na etapa complementar, o jogo foi mais equilibrado. O Limianos dispôs de duas ocasiões de golo nos primeiros 15 minutos e a equipa da casa sentiu o perigo. A AD Oliveirense voltou a pressionar, mas as facilidades conseguidas na primeira metade não voltaram a surgir. A vantagem de 3-1 prevaleceu até ao final, pese o jogo ter entrado numa toada de parada e resposta. No entanto, a vitória acaba por saber a pouco, dado que os primeiros 20 minutos deram a sensação de que a equipa de Oliveira Santa Maria iria alcançar uma goleada. Ainda

assim, o triunfo permitiu distanciar-se do Bragança e não deixar fugir o líder Merelinense, precisamente o próximo adversário. CAMPEONATO DE PORTUGAL CLASSIFICAÇÃO

J

1. Merelinense

11

3. Vilaverdense

11

2. OLIVEIRENSE 4. Bragança

5. Torcatense

6. Montalegre

7. Pedras Salgadas

8. Mirandela

9. Limianos

10. Ponte da Barca

RESULTADOS

11

11

11

11

11

11

11

11

Bragança, 1; Mirandela , 1

V

9

9

6

6

4

3

3

2

1

1

Montalegre, 2; Ponte da Barca, 0

P. Salgadas, 0; Vilaverdense, 1

Torcatense, 0; Merelinense, 2

OLIVEIRENSE, 3; Limianos, 1

E

2

0

1

1

2

3

2

4

4

3

D

F

0

27

4

17

2

4

5

5

6

5

6

7

23

25 9

12

12

12

13 11

Serie A C

P

5

29

10

19

11

20

14

27

19

14

16

12

15

10

26

6

19

25

11 7

PRÓXIMA JORNADA Bragança - Pedras Salgadas

Mirandela - Montalegre

Limianos - Vilaverdense

Ponte da Barca - Torcatense

Merelinense - OLIVEIRENSE

Liga de Futsal e AFSA passam a estar regulamentadas pelas diretrizes definidas pelo órgão federativo

Campeonatos famalicenses homologados pela FPF Filipe Jesus A Liga de Futsal de Famalicão (LFF) e a Associação de Futebol de Salão Amador (AFSA) assinaram, na passada quinta-feira, um protocolo com a Câmara Municipal de Famalicão, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Associação de Futebol (AF) de Braga. Desta forma, as duas entidades famalicenses passam a estar sujeitas às condições de homologação definidas pela FPF, em que todos os participantes são portadores de seguro desportivo obrigatório e de exame médico, para além da possibilidade de organizar provas e atividades desportivas sob a égide do órgão federativo. As duas competições reúnem cerca de 1100 atletas, que engrossam, deste modo, o número de praticantes federados. Esta é, precisamente, uma das bandeiras do atual mandato do presidente da FPF, Fernando Gomes, que tem como objetivo subir o número de atletas até aos 200 mil. O líder federativo julga que “este tipo de protocolos tem uma importância fundamental para o cumprimento destas definições estratégicas e, sobretudo, para sensibilizar as entidades que organizam competições de recreação e lazer da importância de estarem integradas na FPF”. O vigor desportivo do concelho famalicense ganha novo ânimo com este reconhecimento por parte do maior órgão do futebol português. O edil Paulo Cunha reconhece que

António Freitas

3-1

Protocolo assinado permite à LFF e à AFSA reger-se pelas diretrizes definidas pela FPF

“estas parcerias vêm dar um enorme apoio às associações que se mobilizam diariamente para cativar cada vez mais pessoas para praticar desporto”. O autarca sublinha que “são passos que estão a ser dados para que os famalicenses vivam melhor”, dado o apelo que é feito à prática do desporto e, por inerência, o combate à problemática do sedentarismo. Maior segurança e tranquilidade aos atletas Os contratos celebrados revestem-se, igualmente, de enorme relevância para as entidades responsáveis pela organização das competições. O presidente da LFF, Manuel Paiva, destacou “a maior segurança e tranquilidade que a nova regulamentação vai dar para os jovens atletas e par os próprios pais”.

Contentamento foi igual sentimento que o contrato provocou ao responsável da AFSA. José Alves louvou “o impacto positivo destas parcerias, pois é um estímulo e incentivo à prática do futebol”. A AF Braga foi uma das entidades intervenientes neste protocolo. O presidente Manuel Machado realça o trabalho de cooperação entre Federação, associações e autarquias para que “se consiga movimentar a atividade física nos jovens”. Recorde-se que este protocolo resulta do disposto no DL 45/2015 de 9 de abril, que define os direitos exclusivos das federações com utilidade pública desportiva, através da emissão de parecer prévio (homologação) por parte das federações (neste caso, a FPF), relativamente às suas atividades desportivas.


opiniãosport: 30 de novembro de 2016

Equipa de Nandinho mostrou personalidade e confiança no duelo com a equipa-sensação da II Liga

A Associação Desportiva e Juventude de Mouquim está a promover treinos de captação para o escalão de sub-17 de futebol feminino. Os treinos realizam-se às 2ªs, 4ªs e 6ªs feiras, no Complexo Desportivo Arnaldo Fernandes, em Mouquim.

Cosme Machado encerra carreira de árbitro Cosme Machado, de 40 anos, anunciou a despedida do setor da arbitragem no passado domingo. O desafio entre Sporting Ideal e Sertanense, relativo à Série E do Campeonato de Portugal, ficará marcado como o último jogo de uma carreira de 23 épocas ligada ao mundo do futebol. Despromovido à 2ª categoria no final da última época, o famalicense decidiu pendurar o apito e prepara-se para um novo desafio. Segundo alguma imprensa desportiva, Cosme Machado deverá assumir funções no Sporting de Braga como consultor para o setor da arbitragem.

1-2 Estádio Mun. José Martins Vieira Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa) Auxiliares: André Campos e Pedro Mota

Cova Piedade FC Famalicão Victor Braga Joel Quichini Nuno Diogo Nera Vítor Lima André Perre Diogo Cunha (Naílson 71’) Feliz (Kisley 61’) Carlão (Correia 83’) Medeiros

Futsal feminino

Treinadores Sérgio Boris

19

Captações na ADJ Mouquim para futebol feminino

FC Famalicão “escava” primeiro êxito fora de portas Pedro Alves Filipe Godinho (Chico Gomes 46’) Danielson (Ning 80’) Bruno Bernardo Evaldo Soares Siaka Bamba (Ricardo Barros 69’) Robson Silas Rui Varela Dieguinho

FUTEBOL

Nandinho

FC Famalicão

Golos: 0-1 Diogo Cunha (41’); 1-1 Robson (52’); 1-2 Carlão (67’). Cartões Amarelos: Soares (28’); Silas (37’); Quichini (39’ e 89’); Siaka Bamba (49’); Pedro Alves (62’); Dieguinho (85’); Chico Gomes (90+1’) e Bruno Bernardo (90+2’). Cartões Vermelhos: Quichini (89’) .

Filipe Jesus O resultado do encontro entre o Cova da Piedade e Futebol Clube (FC) de Famalicão refutou as tendências das duas equipas. Até aqui invicto nos jogos em casa, o conjunto piedense foi derrotado por uma formação que apresentava dois empates como o melhor pecúlio na condição de visitante. Em estreia nas competições profissionais, o Cova da Piedade está a ser a principal sensação da II Liga. No entanto, este rótulo não foi problema para a equipa liderada por Nandinho, que se mostrou muito confiante e personalizada ao longo dos 90 minutos. Os famalicenses estavam conscientes da qualidade dos intérpretes do clube de Almada e, desse modo, tentaram contrariar o natural favoritismo do opositor. A primeira parte pertenceu aos forasteiros, que nunca concederam veleidades em termos defensivos. Por contraponto, com um futebol mais rendilhado, o FC Famalicão tentou, invariavelmente, penetrar no setor mais recuado do adversário. Os constantes livres nas imediações da área piedense comprovaram a atitude positiva

MELHOR Famalicão:

dos famalicenses, pese terem sido, na maioria deles, infrutíferos. O ascendente visitante viria a ter frutos apenas bem perto do intervalo. Medeiros sentou literalmente o lateral Godinho e cruzou para um inusitado golo de cabeça de Diogo Cunha, que tirou proveito da preocupação dos centrais em cobrir o raio de ação de Carlão. O Cova da Piedade apareceu de cara lavada na segunda parte e os minutos iniciais foram complicados para os famalicenses. Mais acutilante em termos ofensivos, os piedenses empataram aos 52 minutos, num lance em que Robson apareceu solto de marcação na área contrária e fuzilou autenticamente Victor Braga. A equipa de Almada justifica, enfim, o lugar na tabela classificativa, fruto, em grande parte, ao dinamismo do flanco esquerdo. Nandinho percebeu isso mesmo e fez entrar Kisley, que conseguiu estancar o frequente apoio dado pelo lateral Evaldo no processo ofensivo. O FC Famalicão reagrupou-se e voltou a colocar em sentido a defensiva contrária. A fase de cresci-

Medeiros

Dividiu esta distinção com Carlão. No entanto, as duas assistências para os golos fizeram pender o prato da balança para o extremo. Porém, a exibição foi muito para além disso: apoiou Nera em termos defensivos e deixou sempre a sua marca ofensivamente. Ainda esteve perto de completar o triplete em termos de assistências, mas o remate de Vítor Lima saiu por cima.

mento coincidiu com o segundo golo, que surgiu através de um rápido contra-ataque: Diogo Cunha descobriu Medeiros na esquerda, o brasileiro, com muita classe, cruzou atrasado para Carlão desviar, subtilmente, para o fundo das redes. Os piedenses sentiram, sobremaneira, este tento e os minutos finais revelaram uma equipa algo descrente. O futebol direto foi prática recorrente, ao qual o FC Famalicão respondeu com grande assertividade. Nem a expulsão de Quichini, embora já em cima do minuto 90, colocou em causa o primeiro triunfo famalicense fora de portas. CLASSIFICAÇÃO

1. Portimonense 2. Desp. Aves 3. Cova da Piedade 4. Santa Clara 5. Penafiel 6. Benfica B 7. Académica 8. Sporting B 9. Vizela 10. GIl Vicente 11. Porto B 12. FC FAMALICÃO 13. U. Madeira 14. Varzim 15. Braga B 16. Sp. Covilhã 17. V. Guimarães B 18. Fafe 19. Ac. Viseu 20. Leixões 21. Freamunde 22. Olhanense

RESULTADOS

II LIGA

J

16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 16 17 16 16 16 16 16 17 16 16 16

V

12 10 8 8 8 7 6 7 4 4 5 5 4 4 3 4 5 4 3 2 1 2

C.Piedade, 1; FC FAMALICÃO, 2 Ac. Viseu, 0; Sp. Covilhã, 1 Sporting B , 1; Penafiel, 2 Vizela, 1; U. Madeira, 1 Varzim, 1; V. Guimarães B, 1 Freamunde, 0; Académica, 0 Leixões, 1; Santa Clara , 1 Benfica B, 0; Fafe, 1 Desp. Aves, 1; Portimonense, 0 Braga B, 2; Olhanense, 2 GIl Vicente, 1; Porto B, 0

E

3 5 4 4 4 5 6 3 9 8 5 5 7 6 9 6 3 6 6 7 8 3

D

1 1 4 4 4 4 4 6 3 4 6 6 6 6 4 6 8 6 8 7 7 11

F

32 27 20 19 18 18 13 27 15 11 17 20 13 19 20 14 17 19 15 11 11 19

C

12 13 17 16 15 16 10 26 14 12 19 22 16 21 18 18 23 26 20 14 16 31

P

39 35 28 28 28 26 24 24 21 20 20 20 19 18 18 18 18 18 15 13 11 9

PRÓXIMA JORNADA

Penafiel - Freamunde Cova da Piedade - GIl Vicente U. Madeira - Santa Clara Porto B - Benfica B Olhanense - Leixões FC FAMALICÃO - Desp. Aves Académica - Braga B Fafe - Vizela Sp. Covilhã - Varzim V. Guimarães B - Sporting B Portimonense - Ac. Viseu

A 7ª jornada da Zona Norte do Campeonato Nacional foi muito profícua para o Futebol Clube de Vermoim. O campeão nacional bateu o Santa Luzia por 5-3, triunfo que, aliado ao empate do Novasemente, permitiu ao conjunto famalicense isolar-se no topo da tabela. O jogo frente à equipa de Viana do Castelo não foi fácil. O Santa Luzia esteve em vantagem por duas ocasiões, mas a mesma seria anulada pelos golos de Ana Azevedo e Carla Vanessa. A equipa de Vermoim pas-

sou para a frente do marcador na 2ª parte, graças ao golo de Patrícia Magalhães. A formação forasteira ainda empatou, mas a turma orientada por Francisco Paiva haveria de garantir um triunfo, com mais um golo de Ana Azevedo e Carla Vanessa. Camadas jovens Nos escalões mais jovens, o clube de Vermoim averbou os seguintes resultados: GTeam 53 FC Vermoim (Juniores femininos) e Sportfut/FC Vermoim 0-2 SC Cabeçudense (Iniciados masculinos).

Futsal masculino A Associação Desportiva e Cultural (ADC) de S. Mateus empatou a duas bolas na receção ao Nogueiró, em jogo relativo à 9ª jornada da II Divisão Nacional. A equipa de Oliveira São Mateus volta a jogar em casa na próxima ronda. No duelo que marca o início da 2ª volta do campeonato, a ADC S. Mateus recebe o Gualtar, naquela que poderá constituir-se como uma oportunidade para diminuir a distância para o 3º classificado. A partida tem pontapé de saída marcado para as 16 horas. Já na 1ª Divisão Distrital, a jornada 7 não foi muito positiva

para as equipas famalicenses. O Sporting Clube Cabeçudense perdeu por 4-6 frente ao Candoso e continua sem vencer na prova, ocupando, por esta altura, a 9ª posição. Já a equipa do Mouquim Associação Unida empatou no reduto do lanterna vermelha Rio Caldo a três bolas. Apesar da igualdade, os famalicenses subiram ao 7º lugar, em igualdade pontual com a AST Futsal. Na próxima ronda, o SC Cabeçudense defronta, precisamente, a equipa de Santo Tirso, numa jornada em que o MAU irá folgar.

Fut. Feminino: Ribeirão FC avança na Taça de Portugal A equipa feminina do Ribeirão Futebol Clube aproveitou da melhor forma a repescagem na Taça de Portugal para seguir em frente na Taça de Portugal. A formação ribeirense bateu, fora de portas, o Lordemão por 1-2, graças aos golos de Dani, um deles de grande penalidade e outro na sequência de uma virtuosa jogada individual. A equipa de Ribeirão deixou assim boas indicações num jogo que foi seguido atentamente pelo selecionador nacional Francisco Neto. José Teixeira


20

FUTEBOL

opiniãosport: 30 de novembro de 2016

AD Ninense perto de quebrar invencibilidade do GD Joane

Camadas Jovens do GD Joane

taticamente quase perfeito dos ninenses não tivesse o desfecho mais desejado. Pelo GD Joane jogaram: Sérgio, Duarte Nuno, Cadete, João André, Meira (Bruno Machado 48’), Joãozinho (Rui Machado 68’), Rúben (Pereira 82’), Zezé, Cesário, Cunha e Tiago Gomes. Pela AD Ninense atuaram: João Sampaio, Paulo Ricardo, Tiago Oliveira, Martins, David, Xavi, Venú, Nélson Oliveira, Jorginho (Tito 68’), Rui Gomes e Sócrates (André 88’).

Os jovens da formação do Grupo Desportivo de Joane estiveram em ação no passado fim de semana, tendo alcançado os seguintes resultados: GD Joane 1-2 Maria da Fonte (Juniores); CD Lousado 41 GD Joane (Juvenis); GD Joane 0-1 AD Fafe (Iniciados – 1ª Divisão); São Cosme 7-0 GD Joane (Iniciados – 2ª Divisão); Operário 2-1 GD Joane (Infantis A); GD Joane 15-1 Avidos e Lagos (Infantis B); GD Joane 4-2 UD Calendário (Benjamins A) e E. Soccer Academy 5-2 GD Joane (Benjamins B).

Fut. Feminino: Jogadoras do Ribeirão FC chamadas à seleção distrital

As jogadoras Joana Mota, Mariana Moreira, Érica Pedrosa, Maria Barbosa, Beatriz Alves, Soraia Gomes e Maria Oliveira foram convocadas para participar em treinos da Seleção Distrital de Futebol 7 Sub-16 da Associação de Futebol de Braga.

Luís Tiago sai da AD Ninense O avançado Luís Tiago já não é jogador da Associação Desportiva Ninense. A informação foi anunciada pela direção do clube de Nine, que revelou que esta decisão partiu do jogador, que irá fazer uma pausa na carreira futebolística. Luís Tiago era um dos capitães e dos jogadores com mais anos de clube, levando a que a direção ninense agradecesse, em comunicado, “o empenho, carácter e dedicado que o jogador revelou ao longo dos anos que representou as cores alvinegras”.

Liga de Futsal Teve início, no passado fim de semana, o campeonato de Pré-Escolas da Liga de Futsal de Famalicão. A jornada inaugural terminou com os seguintes resultados: ADC Caldinhas 3-6 GCR Alvarelhos; Sportfut/FC Vermoim A 11-1 Sportfut/FC Vermoim B e AJ Joane 3-6 MA Landim. O Recreio Desportivo folgou nesta ronda. A competição regressa no próximo domingo, com os seguintes desafios: Sportfut/FC Vermoim B – Rec. Desportivo (9h30 – Pav. Lameiras); MA Landim – ADC Caldinhas (11h30 – Pav. Lameiras) e GCR Alvarelhos – Sportfut/FC Vermoim A (14h30 – Pav. Da Didáxis). Para além da competição de Pré-Escolas, o próximo domingo ficará ainda marcado pela disputa de mais uma jornada do campeonato de Infantis: A2D-Didáxis – Sportfut/FC Vermoim A (10h30 – Pav. Lameiras); Sportfut/FC Vermoim B – GCR Alvarelhos (15h30 – Pav. Didáxis); AD Esmeriz – AD Barrimau FC (16h30 – Pav. Didáxis); ADC Arnoso Stª Eulália – Rec. Desportivo (17h30 – Pav. Didáxis).

O percurso imaculado do Grupo Desportivo de Joane no Pró-Nacional foi posto verdadeiramente à prova no passado domingo. A jogar em casa, a formação de Tiago Cunha chegou ao empate no último lance do dérbi com a Associação Desportiva Ninense, num jogo de grande montra do futebol distrital. Deste modo, o conjunto joanense mantém-se como a única equipa com estatuto de invencível. Os locais começaram mais pressionantes e a ter a bola em maiores períodos de tempo. No entanto, os primeiros lances de perigo aconteceram perto da baliza de Sérgio, em lances em que Tiago Oliveira e Sócrates não conseguiram bater o guarda-redes anfitrião. Porém, o guardião nada pôde fazer no livre superiormente cobrado por Martins, que inaugurou assim o marcador e deu cor à supremacia ninense.

Os joanenses estiveram pouco ativos em termos ofensivos, acabando um remate fraco de Zezé por revelar-se como a principal ameaça dos anfitriões. O registo da 1ª parte mantevese na etapa complementar, com o GD Joane a ter mais bola, em parte consentida pela postura solidária e compacta da equipa de Nine. Neste período, o guarda-redes João Sampaio puxou dos galões para manter a vantagem ninense. A equipa de Nine não se remeteu ao processo defensivo e deixou alguns avisos à navegação joanense. No segundo minuto do tempo extra, Venú apareceu na cara do guarda-redes contrário mas rematou ao lado. O desperdício iria sair caro aos ninenses. No último minuto de compensação, Cadete centrou atrasado e Bruno Machado rematou em jeito para o empate e fez com que o jogo

Alberto Barbosa

AF BRAGA CLASSIFICAÇÃO

1. GD JOANE 2. Brito 3. Maria da Fonte 4. AD NINENSE 5. Arões 6. Vieira 7. Porto d'Ave 8. Santa Eulália 9. Serzedelo 10. Caç. Taipas 11. Esposende 12. S. Paio d'Arcos 13. Marinhas 14. Vila Chã 15. Amares 16. Terras de Bouro 17. Santa Maria 18. Forjães

RESULTADOS

J

V

15 15 15 15 15 15 15 14 15 15 15 15 15 15 15 15 14 15

9 8 7 8 7 7 6 6 6 4 4 4 3 3 3 2 2 3

Vieira, 1; Santa Maria, 0 Esposende, 1; Brito, 1 Porto d'Ave, 0; Arões , 0 GD JOANE, 1; AD NINENSE, 1 Marinhas, 2; Forjães, 1 S. Paio d'Arcos, 2; Caç. Taipas, 2 Amares, 0; Maria da Fonte, 0 Terras de Bouro, 2; Vila Chã, 2 Serzedelo, 0; Santa Eulália, 1

E

6 6 6 2 5 4 6 5 3 7 4 4 5 4 4 6 5 2

Pró Nacional D

0 1 2 5 3 4 3 3 6 4 7 7 7 8 8 7 7 10

F

19 23 24 26 15 18 14 17 16 21 20 17 18 14 11 14 13 15

C

7 11 13 21 10 13 11 10 15 16 23 23 27 22 21 23 20 29

PRÓXIMA

P

33 30 27 26 26 25 24 23 21 19 16 16 14 13 13 12 11 11

Santa Maria - Marinhas Brito - Vieira Arões - Esposende AD NINENSE - Porto d'Ave Forjães - S. Paio d'Arcos Caç. Taipas - Serzedelo Maria da Fonte - Terras de Bouro GD JOANE - Vila Chã Santa Eulália - Amares

Ribeirão FC sobe à liderança Numa partida aguardada com enorme expectativa, o Ribeirão Futebol Clube (FC) recebeu os vimaranenses do Polvoreira, que estava no 1º lugar há várias jornadas consecutivas. A equipa ribeirense aproveitou o fator casa e venceu por 3-0, resultado que permitiu ascender ao topo. O entusiasmo era grande entre o público afeto às duas equipas. A fase inicial foi de estudo mútuo, com ambos os conjuntos a não quererem ser surpreendidos. No entanto, os locais adiantaram-se no marcador, num bom lance de Hilário, que furou a defesa contrária e bateu o guardião Bento. A equipa ribeirense imprimiu uma boa dinâmica, pese a boa réplica do então líder. O ascendente dos anfitriões viria a refletir-se pouco depois, com Vitó a aproveitar uma grande penalidade cometida sobre Hilário para ampliar a vantagem. Apesar da reação do Polvoreira, o ataque ribeirense, no qual o júnior Francisco estava em destaque, conti-

AF BRAGA CLASSIFICAÇÃO

1. São Paio 2. A. Urgeses 3. Pica 4. Pevidém 5. BAIRRO FC 6. Emilianos 7. D. Ronfe 8. Candoso S. Tiago 9. GD LOURO 10. Airão 11. RUIVANENSE AC 12. OPERÁRIO FC 13. Op. Antime 14. Ponte 15. Regadas 16. S. COSME

RESULTADOS

J

12 12 12 11 12 12 12 12 12 12 12 11 12 12 12 12

V

São Paio, 3; Emilianos, 2 BAIRRO FC, 1; OPERÁRIO FC, 0 Pica, 2; Pevidém, 2 S. COSME, 2; Airão, 3 Ponte, 1; Candoso S. Tiago, 3 GD LOURO, 0; RUIVANENSE AC, 1 A. Urgeses, 1; D. Ronfe, 0 Op. Antime, 1; Regadas, 1

7 7 6 7 7 5 4 4 4 4 3 4 3 3 2 1

HONRA-Série B E

3 2 5 1 1 1 4 3 2 2 5 2 4 4 3 6

D

2 3 1 3 4 6 4 5 6 6 4 5 5 5 7 5

F

32 19 19 23 15 19 18 20 16 18 18 10 13 19 12 14

C

18 11 12 14 13 18 19 22 17 21 22 17 16 23 20 22

PRÓXIMA

P

24 23 23 22 22 16 16 15 14 14 14 14 13 13 9 9

São Paio - BAIRRO FC OPERÁRIO FC - Pica Pevidém - S. COSME Airão - Ponte Candoso S. Tiago - GD LOURO RUIVANENSE AC - A. Urgeses D. Ronfe - Op. Antime Emilianos - Regadas

AF BRAGA CLASSIFICAÇÃO

1. Prado 2. Cabreiros 3. Águias da Graça 4. CD LOUSADO 5. Soarense 6. Martim 7. Este 8. Celeirós 9. Sequeirense 10. Águias Alvelos 11. Carreira 12. Dumiense 13. Guisande 14. Pedralva 15. Aboim

RESULTADOS

J

12 11 11 11 11 11 11 11 11 11 12 11 12 11 11

Martim, 1; CD LOUSADO, 2 Cabreiros, 5; Este, 0 Pedralva, 9; Aboim, 1 Dumiense, 2; Sequeirense, 1 Carreira, 2; Celeirós, 1 Soarense (folga) Guisande, 1; Águias da Graça, 3 Prado, 2; Águias Alvelos, 1

nuou com o pé no acelerador e Hilário bisou na partida. A equipa de Guimarães entrou determinada na 2ª parte, à procura de reduzir a desvantagem. No entanto, o Ribeirão FC manteve-se firme e segurou uma vantagem confortável e que permitiu aos ribeirenses ocupou o topo da tabela classificativa. José Teixeira

V

9 7 7 6 6 5 5 4 3 2 3 2 2 2 0

Honra - Série A E

2 2 2 2 2 2 2 2 4 7 3 6 3 2 1

D

1 2 2 3 3 4 4 5 4 2 6 3 7 7 10

F

27 27 19 17 15 19 13 23 14 11 21 13 14 17 6

C

13 13 8 12 11 11 14 16 14 13 19 12 24 23 53

PRÓXIMA

CD LOUSADO - Cabreiros Soarense - Aboim Sequeirense - Martim Este - Pedralva Celeirós - Dumiense Águias Alvelos - Carreira Guisande (Folga) Águias da Graça - Prado

P

29 23 23 20 20 17 17 14 13 13 12 12 9 8 1

AF BRAGA CLASSIFICAÇÃO

1. RIBEIRÃO FC 2. Polvoreira 3. Ases Stª Eufémia 4. Prazins e Corvite 5. GD FRADELOS 6. Os Sandinenses 7. AD GONDIFELOS 8. Operário Campelos 9. Valinha 10. CRP DELÃES 11. Selho 12. Longos 13. ADJ MOUQUIM 14. Gonça

RESULTADOS

J

1ª Divisão - Série C

10 10 9 10 10 10 9 9 9 9 10 10 9 8

GD FRADELOS, 3; Selho, 0 RIBEIRÃO FC, 3; Polvoreira, 0 Gonça, 3; CRP DELÃES, 3 Op. Campelos-GONDIFELOS (ad.) ADJ MOUQUIM, 0; Sandinenses, 1 Ases Stª Eufémia , 2; Longos, 1 Prazins e Corvite, 2; Valinha, 1

V

7 6 6 6 5 4 4 3 3 2 3 2 1 0

E

1 3 3 1 3 3 2 2 1 3 0 1 3 2

D

2 1 0 3 2 3 3 4 5 4 7 7 5 6

F

21 24 14 15 21 15 12 16 12 15 14 12 10 6

C

10 16 7 12 8 10 9 17 17 18 20 26 15 22

PRÓXIMA

P

22 21 21 19 18 15 14 11 10 9 9 7 6 2

Selho - Gonça CRP DELÃES - RIBEIRÃO FC GONDIFELOS - GD FRADELOS Longos - Polvoreira Os Sandinenses - Op. Campelos Ases Stª Eufémia - Prazins e Corvite Valinha - ADJ MOUQUIM


opiniãosport: 30 de novembro de 2016

MODALIDADES

21

Prova de atletismo reuniu cerca de 4.000 pessoas

Nuno Lopes e Cláudia Pereira alcançam 1º lugar na Meia Maratona de Famalicão

António Freitas

Nuno Lopes e Cláudia Pereira venceram a 3ª edição da Meia Maratona de Famalicão, organizada pela Runporto, em parceria com a Câmara Municipal de Famalicão e a Associação de Atletismo de Braga, e realizada na manhã do passado domingo. A iniciativa contemplou uma corrida cronometrada de 21 quilómetros, bem como uma mini maratona, sem carácter competitivo, de sete quilómetros. Foram cerca de 4.000 pessoas que, ora a correr, ora a caminhar, participaram nesta prova desportiva. Hélder Santos, Nuno Lopes e Rui Teixeira foram os primeiros a cortar a meta Filomena Costa, Cláudia Pereira e Daniela Cunha subiram ao pódio Nuno Lopes, do Centro de Atletismo de Seia, foi o primeiro atleta a com a comunidade”. O edil salien- porto, destacou o facto de “FamaliA prova, que se assume como ternacional, iniciou-se na Avenida cortar a meta em 01:05:58. O vence- tou a importância do desporto para cão ter um evento do qual se deve um importante fator de captação de do Brasil e terminou no Parque de dor participou pela primeira vez a qualidade de vida das pessoas. orgulhar”, principalmente pelo nú- turismo desportivo para a cidade, Estacionamento da Casa do Territónesta prova, afirmando ter dado “o quer a nível nacional, quer a nível in- rio, no Parque da Devesa. Jorge Teixeira, diretor da Run- mero de participantes. seu melhor” e cumprindo os seus objetivos. Seguiram-se Hélder Santos e Rui Teixeira, ambos do Sporting CP, que terminaram a prova em 01:07:42 e 01:08:06, respetivamente. À semelhança das anteriores edições, a 3ª sica Pontes (10ª sénior), Carlos Guimarães M50) e Manuel Costa (26º em Veteranos M55). No setor feminino, Cláudia PeMeia Maratona de Famalicão contou com uma (49º sénior), Marco Silva (52º sénior), ArJá na corrida de 7 km, sem fins competitireira, do GFD Running, foi a venceforte presença de atletas de equipas famalimindo Araújo (58º veterano M50), Catarina vos, a equipa de Vermoim fez-se representar dora, com o tempo de 01:15:38, censes. Araújo (14ª sénior) e Joaquim Silva (36º em por Fátima Azevedo e Assunção Ribeiro. seguindo-se Filomena Costa, da Pela Escola de Atletismo Rosa Oliveira par- veteranos M55). Já Susana Malheiro, a recuA ADECA Beat participou igualmente na 3ª ACD Jardim da Serra, com 01:17:45 e ticiparam Leandro Mendes (15º), Rosa Oliveira perar de lesão, e Nuno Azevedo competiram Meia Maratona de Famalicão, fruto da preDaniela Cunha, do Sporting CP, com (1ª em F45), Luís Faria, Henrique Paredes, em modo de treino. sença de José Teixeira, José Araújo, Paulo Ma01:20:27. Paulo Reis, Hélder Silva, Emanuel Machado, Presente na prova esteve ainda a Associagalhães, Sérgio Peixoto, Manuel Ribeiro, Abílio Cláudia Pereira considera igualJoaquim Coelho, Romeu Carvalho e Miguel ção Cultural de Vermoim, que obteve as se- Faria, Delfim Monteiro, Francisco Morais, mente ter atingido os seus objetiFerreira. guintes classificações: Vítor Fernandes (265º Bruno Ribeiro, Agostinho Barros, José Castro, vos, mas assegurou a existência de O Liberdade Futebol Clube foi outra das em Seniores M20), Filipe Ribeiro (58º em Ve- José Leitão, Francisco Gomes e Ângela Abreu. forte competição. equipas presentes, destacando-se as presta- teranos M40), José Costa (100º em Veteranos Por fim, realce para a participação dos faTambém o presidente da Câções de Óscar Mendes (1º em Veteranos com M45), Joaquim Ferreira (63º em Veteranos malicenses Carlos Osório, Hilário Martins, mara Municipal, Paulo Cunha, fez 35 anos e 10º da geral) e Tânia Silva (7ª sénior M50), Herculano Cardoso (92º em Veteranos José Fernandes e José Azevedo, atletas da questão de participar nesta Meia e 8ª da geral). Na prova competiram ainda Jés- M50), António Ferreira (110º em Veteranos equipa Cyclones. Maratona, até porque “participar é uma forma de conviver, de interagir

Presença massiva de famalicenses

Hóquei: Riba d' Ave HC perde em Tomar Sem contar com o lesionado Tiago Pimenta, o Riba d’ Ave Hóquei Clube (RAHC) somou a terceira derrota consecutiva na deslocação ao reduto do Sporting Clube de Tomar, na 8º jornada do Nacional da 1ª Divisão. O conjunto ribadavense deixou uma pálida imagem do seu real valor, especialmente na 1ª parte, e perdeu por 7-4. A nabantina aproveitou bem a entrada displicente da formação de Diogo Pereira na partida e João Alves abriu o ativo logo aos 2 minutos. O mesmo jogador haveria de repetir o feito pouco depois, a que se seguiu um golo de Ivo Silva na cobrança de um livre direto. O RAHC ainda tentou responder no primeiro tempo, mas a desinspiração foi letal para as aspirações ribadavenses. A isto juntou-se a assertividade do Tomar, que festejou novo golo ainda antes do intervalo, num bis de Ivo Silva. Apesar de terem algumas razões de queixa da ar-

bitragem, o RAHC regressou aos balneários com uma larga desvantagem, algo que quis inverter na 2ª parte. A boa reentrada teve reflexos aos 11 minutos, com o golo de Vítor Hugo. No entanto, a reação do Tomar foi célere e Paulo Passos fez o 5-1. O jogo abriu e Vítor Hugo aproveitou para bisar na partida, na marcação de um livre direto. O hoquista do conjunto ribadavense estava endiabrado e somou novo golo poucos minutos depois, o que deu a sensação de que o RAHC poderia relançar a partida. O Tomar não estava de acordo. João Alves voltou à carga e fez mais dois golos e colocou uma pedra sobre a discussão do vencedor. Hugo Azevedo ainda reduziu para 7-4, mas serviu apenas para minorar os estragos. O RAHC continua na cauda da tabela, tendo novo agendado para o próximo sábado, em casa, pelas 18h30, frente ao Valença HC.

Hóquei: FAC derrotado por candidato à subida Em jogo da 7ª jornada do Campeonato Nacional da 2ª Divisão, o FAC foi a Cambra defrontar um conjunto valoroso e candidato à subida de divisão. Os locais marcaram dois golos no início da partida, algo que lhes conferiu alguma tranquilidade. Já o FAC viu-se obrigado a correr atrás do prejuízo e o intervalo chegou com a vantagem do Cambra em 3-2 (golos de Chumbinho e Gabi). Na 2ª parte, os famalicenses procuraram o empate, mas pagariam caro a falta de eficácia. Mais assertiva foi a equipa da casa, que ampliou a vantagem até aos 5-2 final. Com este resultado, o FAC baixou para o 9º lugar, tendo novo compromisso às 21 horas do próximo sábado, em casa, ante o Vila Praia.

Hóquei: Pav. Municipal recebeu 2ª jornada do Nacional de Veteranos

O Pavilhão Municipal de Famalicão recebeu, no passado domingo, a 2ª jornada do Campeonato Nacional de Veteranos de Hóquei em Patins da Zona Norte. Promovido pelo FAC, com o apoio da Câmara Municipal e de alguns patrocinadores, o evento proporcionou quatro jogos entre atletas que voltaram a calçar os patins. De salientar que o FAC perdeu 2-13 com o Futebol Clube do Porto Vintage. José Paulo Rocha, da organização, considerou que estes torneios são “um sonho realizado”, destacando que o próximo está agendado para o dia 10 de dezembro.

António Freitas

Maria João Mesquita


PRECISA-SE

22

PUBLICIDADE

VENDE-SE

opiniãosport: 30 de novembro de 2016

ELETRICISTA C/ EXPERIÊNCIA CONTACTO: 966839944

PRECISA-SE

MOTORISTAS COM ADR/CAM ZONA FAMALICÃO/GUIMARÃES ENTRADA IMEDIATA CONTATO 252 501 550 Enviar CV:porta1524vnf@gmail.com

CASA E TERRENO COM 1230m2 e 19500m2 EM VERMOIM, V.N. FAMALICÃO CONTACTO: 965 437 093

ALUGA-SE

CASA/APARTAMENTO TIPO T2, em Calendário

Com garagem. Móveis de Cozinha CONTACTO: 917 500 258

PRECISA-SE

Empresa do sector metalúrgico/metalomecânica com perfil fortemente exportador pretende admitir para os s/ quadros:

• SERRALHEIRO (experiência mínima 3 anos) Pretende-se: • Escolaridade mínima 9º ano • Idade: dos 20 aos 45 anos • Sexo masculino

Oferece-se: • Remuneração compatível com a função • Formação Profissional • Refeições em cantina própria • Prémio de assiduidade

Resposta: Apartado 5012 - 4760-648 LOUSADO Telefone: 252490020 - Fax: 252490029 - Email: cmw@cmw.pt

PRECISA-SE VENDEDOR (M/F)

Empresa do ramo alimentar pretende recrutar para trabalhar na região: - Vendedor de Produtos Alimentares

Para venda em supermercados, mercearias, restaurantes, cantinas, etc Dá-se preferência a quem possuir experiência no sector.

No caso de estar empregado guarda-se sigilo.

Os interessados deverão enviar C.V./ Carta de Apresentação para Apartado104 4786-909 Trofa

ASSOCIAÇÃO HUMANITÁRIA BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE VIATODOS

EDITAL

José Carlos Araújo, Presidente da Assembleia Geral da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Viatodos, ao abrigo do artigo 47º, ponto 2, alínea b), dos estatutos, a pedido da Direcção, convoca uma assembleia geral ordinária, a realizar na biblioteca do quartel, no dia 10 de dezembro de 2016, às 14.30 horas, com a seguinte: ORDEM DE TRABALHOS

Ponto 1 - Leitura, discussão e votação da ata da assembleia anterior;

Ponto 2 - Apresentação, discussão e aprovação do 1º Orçamento Suplementar para o ano de 2016;

Ponto 3 - Apresentação, discussão e aprovação do Plano de Atividades Orçamento Ordinário para o ano de 2017;

Ponto 4 - Apresentação, discussão e aprovação de proposta de nomeação de Sócio Benemérito.

Ponto 5 - Outros assuntos.

Nota: Se à hora marcada não estiver presente o número suficiente de sócios, a assembleia funcionará meia hora mais tarde, com qualquer número. Viatodos, 12 de novembro de 2016

O Presidente da Assembleia Geral José Costa Araújo, Dr


opiniãosport: 30 de novembro de 2016

MODALIDADES

23 pub

Badminton: Irmãs Gonçalves continuam em destaque A 2ª jornada nacional, realizada no Centro de Alto Rendimento das Caldas da Rainha, destacou, ainda mais, a dupla Gonçalves (Sónia e Adriana) como líderes nacionais na variante de pares senhoras. A dupla campeã nacional foi finalista e cimentou a liderança. Em singulares, a bicampeã nacional Sónia Gonçalves não conseguiu vencer na final. O destaque nesta variante vai para Adriana Gonçalves, ainda sub19, e que foi semifinalista e subiu ao 5º lugar absoluto. Catarina Martins também participou e foi afastada na primeira ronda. Na variante de pares mistos, Sónia Gonçalves foi a vencedora, fazendo dupla com Bruno Carvalho, da CHEL (Algarve). Mais duas atletas do FAC estiveram nas Caldas da Rainha, nomeadamente Joana Oliveira, líder do ranking da categoria D, onde foi semifinalista e Maria Fátima Moreira, que chegou aos quartos de final. Entretanto, Catarina Martins e Adriana Gonçalves cumpriram um estágio internacional, promovido pela Federação Portuguesa de Badminton. Entre sexta-feira e domingo, as atletas do FAC, a que se juntará Joana Oliveira Martins, vão participar nos VIII Internacionais de Portugal.

Voleibol: FAC compromete O FAC perdeu por 3-1 no reduto do ALA Nun’Álvares, em jogo relativo à 4ª jornada do Campeonato Nacional da II Divisão. Este resultado, com os parciais de 25-21, 2521, 21-25 e 25-18, deixam o clube famalicense numa posição incómoda na tabela. Dessa forma, a receção do FAC ao GDC Gueifães ganha maior importância para as aspirações do clube. O jogo tem início marcado para as 17 horas. Na formação, os Minis B garantiram o 3º lugar e consequente apuramento histórico para a final do Torneio de Natal, organizado pela Associação de Voleibol do Porto.

Bilhar: Carlos Veloso perto do top 20 O salão do FC Porto, no estádio do Dragão, recebeu a quarta série da 5ª fase do 2º open nacional. Pelo FAC estiveram presentes Artur Figueiredo, Carlos Veloso e Camilo Silva. Surpreendentemente, Artur Figueiredo foi afastado na primeira ronda, o mesmo sucedendo com Camilo Silva. Já Carlos Veloso foi o melhor, alcançando o jogo de apuramento, que decidia quem jogaria em Évora na próxima semana, na fase final. Este resultado vai mantê-lo muito perto do top 20 nacional.

Basquetebol: FAC regressa aos triunfos O FAC/Crédito Agricola regressou às vitórias no jogo da 5ª jornada do Campeonato Nacional da 1ª Divisão, frente à Juventude Pacense (62-50). Um resultado que mantém a equipa liderada por Ricardo Rocha nos lugares que permite a passagem à segunda fase da competição. O FAC/Crédito Agrícola chegou ao intervalo a vencer por 30-17, mas um excelente terceiro período da Juventude Pacense permitiu a reviravolta, algo que viria a ser anulado pelos famalicenses na reta final da partida, acabando por vencer por 62-50. Na formação, duas equipas do FAC estiveram em competição em jogos do Campeonato Regional do Minho. Os sub-14 confirmaram o favoritismo em Monção e venceram por 29-80. Já os sub-16 perderam por 59-58 ante a equipa B do SC Braga, numa partida fundamental para o acesso ao play-off.

EARO de pódio em pódio A Escola de Atletismo Rosa Oliveira deu sequência ao seu percurso de sucesso no pretérito sábado. A equipa famalicense conquistou seis pódios no Corta-Mato Regional das 4 e dos 8 e o Corta-Mato Jovem, duas provas que decorreram em Leça do Balio. Destinado a atletas da Associação de Atletismo do Porto, Desporto Escolar e atletas de outras associações regionais, este evento premiou as prestações de Maria Machado (3ª em Benjamins A), Simão Azevedo (3º em Benjamins A), João Azevedo (2º em Benjamins B), Ana Marinho (1º em Iniciados), Beatriz Fernandes (2º) e Rui Filipe (2º). Entre as equipas de formação, a EARO conquistou o 3º lugar.


24

MODALIDADES/MOTORES

opiniãopública: 30 de novembro de 2016

Jovem tenista conquistou título nacional em singulares e pares

Gonçalo Marques sagra-se campeão nacional de ténis

Gonçalo Marques conquistou o título nacional de ténis no escalão de sub-10, na vertente de singulares e pares, nos Masters Nacional que decorreu no Centro de Alto Rendimento do Jamor, em Oeiras. Numa prova que reúne os três melhores tenistas de cada reunião do país, o jovem ostentou o estatuto de campeão regional da Zona Norte e acabou por dar sequência ao bom desempenho que teve na prova distrital. O jovem atleta, natural da Trofa e que conta com o apoio da empresa famalicense Virtugal, acrescentou, deste modo, mais dois troféus à sua ainda curta carreira de tenista, onde já constam o título de vice-campeão nacional de singulares no ano

passado e o estatuto de campeão nacional em pares. Ser bicampeão nacional confere, segundo Gonçalo Marques, “uma enorme alegria e motivação para continuar a trabalhar”, pois, revela, “só com muito trabalho e sacrifício irá conseguir atingir os objetivos e sonhos”. Com apenas 10 anos – completa 11 em janeiro -, Gonçalo Marques começou a praticar a modalidade desde os 5 anos, tendo entrado em competição oficial a partir dos 6. A paixão pelo ténis surgiu de forma surpreendente, já que, estando a assistir ao treino do irmão mais velho, foi convidado pelo treinador do GC Stº Tirso para jogar um pouco. Os primeiros sinais foram muito positivos e a equipa tir-

sense ganhou, logo ali, mais um atleta. O percurso na equipa de Santo Tirso conheceu o seu epílogo no ano passado. As melhores condições de treino oferecidas pela Escola de Ténis da Maia fizeram com que Gonçalo Marques experimentasse um novo desafio. O jovem treina diariamente, de forma a preparar as competições que, habitualmente, têm lugar aos fins de semana. Todos os esforços que despende para treinar e jogar justificam-se por um sonho: ser tenista profissional. O jovem reconhece ser “difícil atingir esse estatuto”, mas promete tudo fazer para o conseguir. Apesar de revelar alguma desilusão pelo facto de “Portugal só olhar para o futebol”, Gonçalo Marques é, atualmente, um dos melhores tenistas no escalão de sub-12. O jovem já participou em vários estágios da seleção nacional, bem como em duas das melhores academias mundiais (França e Espanha), onde lhe reconhecerem enorme potencial. Nesta fase de afirmação na modalidade, Gonçalo Marques já tem definido uma participação mensal num torneio internacional a partir do próximo ano. .

AVC vence tranquilamente O Famalicão Vólei – AVC venceu confortavelmente na casa do Lusófona VC por 0-3. A equipa de Óscar Barros cimentou a sua superioridade perante o rival e triunfou pelos parciais de 14-25 12-25 e 13-25. Com esta vitória, o AVC subiu à 3ª posição, com 13 pontos, a cinco do líder Leixões. A formação famalicense tem nova deslocação no próximo sábado, viajando até aos Açores para defrontar o Ribeirense. A partida tem início marcado para as 19 horas. Camadas jovens As equipas de Cadetes e Juniores do Famalicão AVC garantiram duas vitórias nos jogos agendados para o passado fim de semana. As Cadetes receberam, no Pavilhão das Lameiras, o Vitória SC, em jogo em atraso da 1ª jornada do inter-regional do escalão, e venceram por 3-0 (25-17, 25-13 e 2518). Já as Juniores disputaram a 5ª jornada do campeonato e foram ao reduto do Amares Vólei garantir um complicado triunfo por 3-2, pelos parciais de 25-14, 16-25, 25-15, 15-25 e 15-12.

Crianças brincam ao atletismo em evento promovido por associações famalicenses

O Clube de Cultura e Desporto de Ribeirão (CCDR), o Centro de Formação Desportiva de Atletismo do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco e Agrupamento de Escolas D. Maria II e a Associação de Atletismo de Braga organizaram, no

passado sábado, na Escola Secundária Camilo Castelo Branco, o XV Torneio de Atletismo de Pavilhão. Composto por provas de corridas, saltos e lançamento, o evento contou com a participação de cerca de 350 alunos, com idades com-

preendidas entre os 5 e os 13 anos, de 19 escolas e clubes do distrito de Braga. Entre os participantes, destaque para a presença de alunos com necessidades educativas especiais que se integraram em todos as provas. Todos os participantes tiveram direito a uma medalha de participação, sendo que aos 10 primeiros classificados foram atribuídos medalhões e troféus. Na cerimónia de entrega de prémios, para além dos representantes das entidades organizadoras, estiveram presentes os atletas Elsa Cruz, campeã nacional de lançamento do peso, e Eduardo Sá, campeão nacional de 200m. Estes atletas iniciaram a prática da modalidade no CCDR e atualmente representam o SC Braga.

Team Transfradelos faz história nas 24 Horas TT de Fronteira

Tiago Reis, Avelino Reis, Edgar Reis, Rui Fernandes e Sérgio Faria completaram a clássica de Resistência no 9º lugar da geral e no pódio (3º lugar) da categoria Promoção C. A equipa do Toyota RAV voltou a comprovar a dureza da prova alentejana. Tal como no ano passado, a família Reis juntou-se aos amigos Rui Fernandes e Sérgio Faria para competir nas 24 Horas TT de Fronteira, uma prova de Resistência que normalmente encerra a temporada do todo-o-terreno nacional. A equipa do Toyota RAV4 rodou quase sempre num bom ritmo ao longo da prova, tendo apenas de parar por volta das 18 horas de sábado, devido a um problema elétrico que reteve a equipa nas boxes durante cerca de 1h30m. A partir daí, o Team Transfradelos voltou a impor um andamento regular e terminou no pódio da categoria Promoção C (3º lugar) e num positivo 9º lugar da geral, numa prova recheada de protótipos vindos do campeonato francês. O famalicense afirmou que a equipa ficou “contente porque este é o nosso melhor resultado de sempre e, além disso, foi mais um fim de semana de convívio e companheirismo, como já é tradição nas 24 Horas”, analisou Tiago Reis, que, em 2016, foi o melhor rookie do Campeonato Nacional de TT. Com mais uma edição das 24 Horas de TT, a temporada de 2016 chegou ao fim e, agora, o Team Transfradelos já prepara a próxima época, onde surgirão novidades para a presença no Campeonato Nacional.

Alex Ryu Jitsu promove campeonato de defesa Realizou-se, no passado sábado, no Pavilhão da Escola EB 1 de Arnoso Santa Maria, o Campeonato Nacional de Defesa Pessoal de Rua, Policial e Militar de Alex Ryu Jitsu, organizado pela Federação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu. Este evento contou com a participação de cerca de 30 equipas provindos das academias Alex Ryu Jitsu, de todos os escalões, masculinos e femininos, nas vertentes de defesa pessoal de Rua, Policial e Militar. O elevado nível técnico demonstrado pelos competidores abrilhantou a prova e provocaram enorme expectativa e entusiamo até ao final, para se saber quem sairia vitorioso na competição. Várias foram as técnicas demonstradas, desde defesa pessoal, contra ataques de mão nua ou com armas brancas e de fogo, bem como defesas policiais, com tonfa e algemagem do agressor. Na vertente de defesa pessoal de Rua, sagraram-se campeões nacionais: Hugo Gomes (academia A R J Lousado), Rui Lima (academia A R J PSP Famalicão), Catarina Martins (academia A R J Antas), Beatriz Pinho (academia A R J Louro), Dora Pontes (academia A R J Vermoim), João Simões (academia A R J Louro), Ana Novais (academia A R J Cavalões), Tiago Azevedo (academia A R J Vermoim) e César Araújo (academia A R J Vermoim). Já na vertente de defesa pessoal policial e militar, destaque para o triunfo de António Lima (academia A R J PSP/Famalicão). Por equipas, a academia Alex Ryu Jitsu da PSP de Famalicão foi campeã nacional, seguida pela academia de Alex Ryu Jitsu de Cavalões.

Liberdade FC no Torneio de Pavilhão O Liberdade Futebol Clube foi uma das equipas presentes no Torneio de Pavilhão da Escola Camilo Castelo Branco, local onde se promoveu a formação de jovens atletas. Entre centenas de jovens, o Liberdade FC conseguiu classificar três atletas nos dez primeiros classificados, com a participação de Leandro Gonçalves, Daniel Oliveira, Gonçalo Carvalho, Inês Sousa, Beatriz Ferrão e Jéssica.


Os 1282