Issuu on Google+

Columbofilia marca presença A Sociedade Columbofilia de Famalicão também marca presença na edição 2009 das Antoninas. Será na sexta-feira, 12, pelas 10 horas, na Praça 9 de Abril. No dia seguinte, a iniciativa prossegue no mesmo local e à mesma hora.

Taça de Portugal Alex-Ryu-Jitsu

Concurso de Tiro aos Pratos

Está marcada para o Pavilhão Municipal das Lameiras a Taça de Portugal Alex-Ryu-Jitsu, com início marcado para as 8 horas. Marque na agenda: sábado, dia 13 de Junho.

Como vem sendo hábito, realiza-se nas Antoninas o Concurso de Tiro aos Pratos, numa organização da Associação de Caça e Pesca de Famalicão. Será no fim-de-semana, 13 e 14 de Junho. As provas têm início marcado para as 10 horas no Campo de Tiro de Esmeriz.

Fase de Subida: Oliveirense sofre primeira derrota

Juniores do AVC sagram-se campeãs nacionais de voleibol

Basquetebol da ATC conquista Taça do Minho

Rosa Oliveira vence Medalha de Ouro nos Europeus

Título em Badminton para atletas do FAC pub.


sport: 3 de Junho de 2009

26

PÓDIO

1º Rosa Oliveira

Rosa Oliveira conseguiu conquistar a medalha de ouro no Campeonato da Europa de Estrada, em atletismo, sagrando-se a primeira atleta famalicense a conseguir esta distinção numa competição internacional. Na prova de 10 kms a atleta suplantou toda a concorrência.

2º Juniores AVC A equipa júnior do Atlético Voleibol Clube (AVC) garantiu o título de campeã nacional do escalão, numa fase final disputada em Mafra. As famalicenses não eram consideradas favoritas à vitória final, mas acabaram por surpreender e conquistar o oitavo título do historial.

grande área

Nos campeonatos da Europa de estrada realizados na Dinamarca

Rosa Oliveira conquista ouro A atleta famalicense Rosa Oliveira, da equipa Associação Moinho de Vermoim (AMVE), sagrou-se campeã da Europa de estrada nos campeonatos de atletismo realizados na Dinamarca, em Aarhus. Em representação de Portugal, a atleta conseguiu bater toda a concorrência e conquistar a medalha de ouro, feito conseguido pela primeira vez por uma famalicense em provas internacionais. Rosa Oliveira realizou uma prova de bom nível, conquistando a tão ambicionada medalha de ouro para Portugal e para a AMVE, no escalão de veteranas. A prova de 10 kms tinha presentes atletas de grande qualidade, sendo que a atleta da AMVE conseguiu superiorizar-se a toda a concorrência. Com este feito, a associação famalicense vê escrita uma página importante no seu historial. “É um sabor especial porque foi a primeira vez que disputei um campeonato da Europa de veteranas. Esta prova não tem nada a ver com as competições que se disputam em Portugal. Foi um bocadinho difícil porque tive a segunda classificada perto de mim até aos últimos três quilómetros, depois consegui deixá-la para trás e ganhei no meu escalão”, disse Rosa Oliveira ao Opinião Sport, pouco depois de ter subido ao pódio para receber a sua medalha.

A atleta lamentou ainda o facto de ser a única atleta portuguesa presente na competição, reconhecendo que “seria óptimo termos mais atletas presentes”. “A Federação não apoia de forma suficiente e por isso torna-se também complicado que a representação portuguesa neste tipo de provas seja maior”, acrescenta Rosa Oliveira, reconhecendo que esta “foi uma experiência boa e talvez para repetir daqui a dois anos”. Terminada a sua participação no campeonato da Europa de veteranas, Rosa Oliveira projecta já os próximos desafios, mostrando vontade de marcar presença no Mundial de estrada. “Não sei ainda se vou apostar no Mundial este ano, sendo uma decisão que será tomada em função de como me vou sentir em termos físicos daqui para a frente”, disse a atleta, revelando que “se os treinos correrem bem a presença nessa competição poderá ser uma possibilidade”. No entanto, a atleta prefere “ir andando e vendo todas as situações”. Entretanto, a famalicense regressou na passada segunda-feira a Portugal, sendo recebida por muitos amigos e apoiantes que fizeram questão de marcar presença no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, para saudar a campeã europeia de veteranas.

Pódio dos Europeus de Estrada

No Estádio Municipal, dia 6 de Junho, pelas 13 horas

III Famalicão Sevens em rugby

3º CCD Ribeirão O Clube de Cultura e Desporto de Ribeirão (CCDR) apurou-se para a 2ª divisão de pista, numa fase de apuramento disputada no passado fim-desemana em Guimarães, com um total de 37 clubes presentes. Na fase final, o CCDR vai tentar renovar o título de campeão nacional.

O Clube de Rugby de Famalicão (CRF) vai promover, no próximo sábado, dia 6 de Junho, o III Famalicão Sevens. Este torneio de rugby jogase na modalidade de sete e vai trazer até Famalicão algumas das melhores formações ao nível nacional. Este torneio é o primeiro de três que serão organizados em parceria com a Federação Portuguesa de Rugby. O segundo será em Coimbra com a organização da Associação Académica de Coimbra e o último em Lisboa, organizado pelo Sport Lisboa Benfica. O evento irá decorrer no Estádio Municipal de Famalicão a partir das 12 horas do próximo sábado e contará com a presença das equipas: Clube de Rugby dos Arcos de Valdevez, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Escola Superior Agrária de Coimbra, Clube de

CDF vai aprticipar no torneio

Rugby do Técnico, Escola de Rugby do Porto, Rugby Guimarães, e também a equipa da casa, o Clube de Rugby de Famalicão. Depois do sucesso alcançado nas duas últimas edições desta competição, a organização

famalicense espera que este ano a adesão do público seja ainda maior. Os amantes da modalidade ou interessados em assistirem às partidas, apenas terão de se deslocar ao Estádio Municipal de Famalicão, uma vez que a entrada é livre. Entretanto, e com vista à divulgação da modalidade e captação de novos atletas, o Clube de Rugby de Famalicão vai promover a partir das 10 horas do próximo sábado, também no Estádio Municipal de Famalicão, uma acção que visa dar a conhecer melhor o rugby e tentar encontrar novos praticantes para a modalidade. Todos os jovens dos 12 aos 18 anos estão convidados a comparecer. Nesta acção, os participantes poderão ter o primeiro contacto com o rugby, quer em acções técnicas específicas, quer em situação de jogo. pub.


sport: 3 de Junho de 2009 27

futebol

Joane não evitou a festa da subida do Merelinense

Golo de João destacou Padroense ficcação no topo da classifi

Pouco futebol em tarde de calor

Oliveirense sofreu primeira derrota

Merelinense Joane Talaia Petit Couto Borges (45’ Nelson) Miguel Costa Beck Vasco Paulinho Lopes (82’ Vítor) Luís Ferraz (69’ Mocas) Armando

1-0

Sérgio André Bruno (56’ Jader) Carneiro Miguel Lemos Sócrates Bertinho (76’ Luís) Daniel (69’ André Silva) Hugo Marquinho Gil

Estádio do Padroense FC Árbitro: Ivan Vasilica (Vila Real) Auxiliares: Sérgio Correia e Rúben Clemente

Padroense Oliveirense Marco Miguel Daniel Armando Paulinho André Simões Seabra Sérgio (91’ Portilho) Vitinha (57’ Marcão) Mariano João (92’ Nicola)

Treinadores Casquilha

Paulo Rafael

Golos: 29’ Costa (1-0, penálti). C artõ es Amarelos: 22’ Bertinho; 30’ Daniel; 38’ Bruno; 38’ Sérgio; 73’ Luís Ferraz; 81’ Beck. C artõ es Vermelho s: Não houve.

Aristides Ferreira

Rui Forte Luís Miguel Alexandre João Duarte Meira César Marques Leal (55’ Paulinho) Arturinho (84’ Pedro Costa) João Cruz Nuno Cavaleiro (88’ China) Pedro Fidalgo

Treinadores Augusto Mata

Pedro Vilaça

Golos: 89’ João (1-0). Cartões Amarelos: 51’ Nuno Cavaleiro; 78’ Meira; 80’ Seabra

Paulo Rafael viu joanenses saírem derrotados

Cartões Ver me lhos: Não houve.

Depois de um ressalto, André rematou rente ao poste. O jogo caminhava para o seu final e com 29 minutos da segunda parte foi Paulinho Lopes que ganhou espaço na direita do ataque, mas depois rematou à figura de Sérgio. Os últimos minutos ainda foram de algum ascendente do Joane, mas os donos casa guardaram a sete chaves a vantagem trazida da primeira parte, vantagem essa que permitiu a subida do Merelinense, mas num jogo que não deixa grandes saudades e com o calor a ser o grande inimigo dos atletas. Trabalho aceitável do árbitro do Porto.

III DIVISÃO RESULTADOS

mas a defesa visitante chegava e sobrava para as encomendas. E foi outra vez de bola parada que os caseiros criaram mais uma situação de perigo, com Sérgio a ver a bola passar rente ao poste. Já perto do intervalo, com 39 minutos de jogo, Armando consegue esgueira-se do lado direito do seu ataque e já no interior da área contrária foi carregado, com o árbitro, perto do lance, a apontar a marca da grande penalidade. Chamado a converter, Costa não perdoou, colocando a sua equipa a vencer por 1-0, com a primeira explosão de alegria dos adeptos do Merelinense. No segundo período esperava-se outra dinâmica dos joanenses, mas nada mudava em relação à primeira parte. O Joane sem capacidade para criar perigo junto da área contrária e o Merelim mais interessado em deixar correr o tempo. O jogo era cada vez mais pachorrento e Paulo Rafael começou a mexer na sua equipa, tentando dar outra dinâmica ao seu futebol, mas era mais uma vez de bola parada que o perigo rondava a baliza de Talaia.

Subida- Série A

Merelinense, 1; Joane, 0 Limianos, 2; Vieira, 2

Bragança, 1; Fafe, 1

CLASSIFICAÇÃO

J

V

E

D

F

C

P

1. Merelinense 2. Vieira 3. Bragança 4. Fafe 5. Joane 6. Limianos

9 9 9 9 9 9

7 3 3 3 1 1

1 4 3 5 3 2

1 2 3 1 5 6

15 12 16 15 7 13

6 9 15 12 12 24

43 40 36 35 29 25

PRÓ XI MA

Na recta final da fase de subida do campeonato nacional da 3ª divisão, o Joane deslocou-se ao terreno do Merelinense que tinha a festa preparada para a subida de divisão. Para isso acontecer bastava apenas um empate, mas a equipa da casa acabou por vencer com um golo solitário de Costa, obtido na marcação de uma grande penalidade. O Joane não pretendia participar da festa e nos primeiros dez minutos, aproveitando algum nervosismo dos donos da casa, entrou a controlar as operações. Aos 13 minutos dispôs de uma excelente situação para inaugurar o marcador. Numa boa jogada na direita do ataque joanense, Gil aparece solto na área e de cabeça atirou ao lado. Esta situação foi o canto do cisne e com o intenso calor que se fazia sentir, o jogo foi perdendo velocidade e as duas equipas jogavam com velocidade de cruzeiro. Só de bola parada o perigo rondava as balizas e foi o Merelinense, aos 18 minutos, a criar perigo junto à baliza de Sérgio. Paulinho Lopes rematou e Sérgio correspondeu com defesa segura. A equipa de Merelim tentava acercar-se das redes do Joane,

Vieira - Merelinense Fafe - Limianos

Joane - Bragança

Infantis A terminam campeonato com triunfo Os infantis A do FC Famalicão receberam e venceram o Moreirense FC por 3-1, na última jornada do campeonato que decorreu no passado fimde-semana. Os infantis famalicenses despediram-se com mais uma vitória, acabando assim o campeonato da melhor forma e fazendo justiça àqueles que sempre acreditaram que a equipa tinha valor para fazer mais e melhor. Uma manhã de sábado com muito calor não foi impeditivo para que as duas equipas se empenhassem ao máximo e proporcionassem um bom e equilibrado jogo de futebol. Fruto de uma melhor organização, os famalicenses chegariam ao intervalo com uma vantagem de dois golos. Simão e Carlitos seriam protagonistas de dois bons golos que deram aos azuis uma vantagem aparentemente tranquila.

Na segunda parte, o Moreirense entraria determinado a mudar o rumo dos acontecimentos e chegaria ao golo sem surpresa. Enquanto os ânimos estavam exaltados nas bancadas, o golo do Moreirense servia de alerta e tónico para o Famalicão que percebeu que teria de fazer mais e melhor para conservar a vitória. Num jogo de parada e resposta, o Famalicão só muito perto do final é que conseguiu o golo da tranquilidade, num livre directo apontado por Rui. Uma vitória difícil, mas justa do Famalicão e que premeia o bom desempenho de todo um grupo de trabalho ao longo da temporada. Pelo FC Famalicão alinharam: Miguel, André Gomes, Tigas, Rui (1), Carlitos (1), Márito, Simão (1), Zé Pedro, João Pedro, Dany, César e Viana.

Bruno Marques Foi preciso esperar pela fase da subida para que o Padroense conseguisse a primeira vitória sobre a Oliveirense esta época. Nas duas partidas que tinham realizado, a equipa de Oliveira Santa Maria tinha vencido no Campo de Ribes e empatado em Padrão da Légua. Agora, os comandados de Augusto Mata venceram por 1-0, com o golo a surgir já muito perto do final e quando o adversário parecia ter o jogo controlado. A exibição da Oliveirense foi das menos conseguidas esta temporada, sentindo grandes dificuldades para circular a bola e chegar com perigo junto da baliza do Padroense. Apenas de bola parada a equipa visitante esteve perto do golo enquanto do outro lado os da casa conseguiram sempre maior fluidez no ataque. Cedo se percebeu que o Padroense estava mais solto, apesar de João Duarte ter cabeceado perto da baliza de Marco logo aos dois minutos. Depois apareceu Rui Forte no jogo, a negar por três ocasiões o golo dos visitados. Sérgio por duas vezes e João noutra viram o guardaredes da Oliveirense fazer grandes intervenções. Até ao intervalo surgiram mais duas oportunidades, uma para cada lado. César Marques apareceu na

cara de Marco, após livre de Meira, mas falhou a cabeçada, atirando ao lado da baliza. Aos 33 minutos foi novamente João a ficar perto de marcar, tendo desta feita acertado no poste da baliza de Rui Forte. Na segunda parte a partida não foi tão movimentada, com os jogadores das duas equipas a ressentirem-se do esforço feito nos primeiros 45 minutos, bem como do muito calor que se fazia sentir. Ainda assim, o sinal mais pertenceu sempre ao Padroense que atirou mais uma bola aos ferros. A Oliveirense continua a sentir muitas dificuldades na transição para o ataque, onde normalmente costuma ser forte, e com isso não levava grande perigo ao último reduto do Padroense. A excepção continuava a fazer-se nas bolas paradas. O tempo foi passando e cada vez mais as equipas se conformavam com o empate. Com o aproximar do final do encontro, os visitantes subiram um pouco mais as suas linhas e, a espaços, encostavam o adversário à sua defensiva. Aos 84 minutos, César Marques obrigou Marco à defesa da tarde, novamente após livre de Meira. Praticamente na resposta, e quando Pedro Vilaça tinha feito uma substituição com vista a segurar a igualdade, João recebeu a bola na esquerda, correu praticamente meio campo e à saída de Rui Forte fez o 1-0. Um golo que levou ao delírio os muitos adeptos do Padroense presentes no estádio e ao desespero jogadores e equipa técnica da Oliveirense. O golo surgiu numa altura em que tudo parecia controlado pelos forasteiros e quando o empate era quase um dado adquirido. Ainda assim, o triunfo foi plenamente justificado pelos de Padrão da Légua, ante uma Oliveirense em tarde de pouca produção.

III DIVISÃO RESULTADOS

Árbitro: António Nogueira (Porto) Auxiliares: Diogo Silva e João Matos

Subida- Série

Rebordosa, 1; Vila Meã, 1 Paredes, 3; Coimbrões, 0

B

Padroense, 1; Oliveirense, 0

CLASSIFICAÇÃO

J

V

E

D

F

C

P

1. Padroense 2. Oliveirense 3. Paredes 4. Rebordosa 5. Vila Meã 6. Coimbrões

5 5 5 5 5 5

4 2 2 1 1 1

1 2 1 2 1 1

0 10 1 3 2 7 2 6 3 5 3 2

3 1 6 7 7 9

34 30 28 27 22 22

PRÓ XI MA

1-0 Campo João Soares Vieira

Paredes - Padroense Rebordosa - Coimbrões

Vila Meã - Oliveirense

Merelinense e Vieira subiram de divisão A uma jornada do final da fase da subida da série A da 3ª divisão nacional, está tudo decidido no que diz respeito à promoção. Merelinense e Vieira garantiram no passado fim-de-semana a subida à 2ª divisão nacional, faltando agora apenas discutir quem será o vencedor desta série. Na última ronda da fase da subida, que se disputará no próximo sábado, o Vieira recebe o Merelinense e será nesse encontro que o primeiro lugar ficará decidido, sendo que o mais importante para as duas equipas já foi conseguido, ou seja, a promoção. Os de Merelim levam vantagem na luta pelo primeiro posto, uma vez que venceram o Vieira por 1-0 na primeira volta da fase da subida e têm neste momento mais três pontos que a formação de Vieira do Minho.


sport: 3 de Junho de 2009

modalidades

Na 2ª divisão nacional de hóquei patins

Em badminton

28

Riba d’Ave e FAC terminam com derrotas Disputou-se no passado sábado a última jornada do campeonato nacional de 2ª divisão de hóquei em patins, com Riba d’Ave e FAC a terminarem a sua participação na prova com derrotas. Os ribadavenses perderam na deslocação a Ponte de Lima, saindo derrotados pelo Limianos por 5-4 enquanto o FAC perdeu na recepção ao Feira por 5-2. Com hipóteses de ainda chegar à subida de divisão, o Riba d’Ave precisava de vencer e esperar que o Turquel não vencesse na recepção ao Escola Livre. Nenhuma das duas situações se verificou, com a equipa de Tó Luís a

R E S U L TA D O S

HOQUEI EM PATINS Marco, 6; Lavra, 4 Ouriense, 5; J. Pacense, 6 FAC, 2; Feira, 5 Limianos, 5; Riba d’Ave, 4

CLASSIFICAÇÃO

J

V

PRÓXIMA

1. Espinho 30 20 2. Turquel 30 19 3. Tomar 30 18 4. Riba d'Ave 30 18 5. Sanjoanense 30 14 6. Marco 30 15 7. FAC 30 14 8. Limianos 30 14 9. Feira 30 13 10. Infante Sagres 30 10 11. Lavra 30 10 12. Juv. Pacense 30 10 13. Ouriense 30 7 14. Azeméis 30 9 15. Bom Sucesso 30 5 16. Mealhada 30 2 A equipa do Espinho sagrou-se campeã e garantiu a subida de divisão.

II Divisão

I. Sagres, 4; Sanjoanense, 4 Turquel, 7; Azeméis, 0 Mealhada, 5; Tomar, 8 B. Sucesso, 0; Espinho, 4 E

D

F

C

P

5 5 100 69 65 4 7 152 94 61 4 8 137 89 58 3 9 117 85 57 8 8 105 96 50 4 11 113 88 49 6 10 96 78 48 5 11 100 93 47 7 10 93 88 46 7 13 106 114 37 7 13 79 101 37 3 17 103 145 33 11 12 86 98 32 1 20 81 124 28 6 19 104 143 21 3 25 84 151 9 O Turquel vai lutar pela subida de divisão com o vencedor de outra série.

perder em Ponta de Lima e o Turquel e golear o seu adversário nesta derradeira ronda da competição. A formação do Turquel vai agora medir forças com o Paço d’Arcos na luta pela subida de divisão. Os ribadavenses terminaram a época no quarto lugar, tendo uma prestação positiva e que por pouco dava origem a promoção, ainda que sem ser o principal objectivo da temporada. Quanto ao FAC recebeu o Feira, sem objectivos classificativos pois ambas estavam tranquilas na pontuação final. O jogo não foi bom, típico de final de temporada e com ambas as equipas a acusarem a elevada temperatura que se fazia sentir no Pavilhão Municipal. O Feira foi superior, mais concentrado e feliz na finalização e a vitória ajusta-se ao que ambos os conjuntos praticaram. Ao intervalo o Feira já vencia por 3-1, com o golo famalicense a ser obtido pelo André Barbosa. Na segunda parte o golo da equipa foi marcado por Miguel Soares. O FAC finalizou a competição no sétimo lugar e na próxima temporada disputará novamente o segundo escalão nacional. Ascendeu à 1ª divisão a Académica de Espinho enquanto o Turquel poderá acompanhar os espinhenses nessa promoção. Para a 3ª divisão desceram: Escola Livre (Oliveira de Azeméis), Bom Sucesso (Aveiro) e Mealhada.

GD Louro realiza captações… O Grupo Desportivo do Louro vai realizar captações para as suas camadas jovens. Assim, para o escalão de juvenis (1993-1994) as captações terão lugar amanhã, quinta-feira, pelas 19 horas, e na próxima segunda-feira, 8 de Junho, pelas 19 horas. Já para o escalão de escolinhas (1999-2000-

2001), as captações têm lugar amanhã, quinta-feira, e na próxima segunda-feira, também ambas pelas 19 horas. O local da captação é o Complexo Desportivo do GD Louro, devendo os interessados fazer-se acompanhar de bilhete de identidade e equipamento completo.

…e Brufense AC também A equipa do Brufense Atlético Clube está também a realizar captações para os seus escalões de formação. Para os escalões de escolas (19992000; 2001-2004) e infantis (1997-1998) as captações são na próxima segunda-feira, 8 de Junho, pelas 19 horas no parque desportivo do Brufense. Já para iniciados (1995-1996), a captação tem lugar na próxima terça-feira, 9 de Junho, pelas 19 horas, enquanto para o escalão de juvenis (1993-1994) tem lugar hoje, quarta-feira, e dia 10 de Junho, quarta-feira, pelas 19 horas. Por fim, para juniores (1991-1992), as captações são amanhã, quinta-feira, e na próxima quinta-feira, 11 de Junho, pelas 19 horas. Os interessados podem contactar os números 917 664 504 ou 967 687 039 para satisfazerem qualquer dúvida.

Taça de Ouro inicia-se sábado O Torneio Taça de Ouro Inter-Freguesias, em futebol de salão, a realizar nos meses de Junho e Julho, organizado pelo Grupo Recreativo Covense, vai iniciar-se no próximo sábado. Com um total de 49 freguesias inscritas, a primeira jornada joga-se no sábado, com os seguintes jogos: Ruivães-Cabeçudos (20 horas); Bairro-Vermoim (21 horas); Abade Vermoim-Bente (22 horas). Na segunda-feira, os jogos são: Arnoso Santa Eulália-Louro (20h30); Oliveira Santa Maria-Mouquim (21h30); na terça-feira, Riba d’Ave-Fradelos (20h30); Cavalões-S. Cosme (21h30); na quarta-feira, Joane-Pousada Saramagos (20h30); AvidosMogege (21h30). Todos os jogos se realizam no parque desportivo do GR Covense.

Ana Reis e João Graça campeões nacionais Realizou-se em Espinho no passado fim-de-semana o campeonato nacional de seniores de badminton, em diversas categorias: Elite, “B”, C” e “D”. Apuraram-se para esta prova somente os 16 melhores em cada uma das categorias e provas, tendo atletas do FAC marcado presença na prova, com Ana Reis e João Graça a sagrarem-se campeões nacionais. Tendo em conta os seis torneios realizados ao longo da época, foram apurados os melhores para este campeonato. O FAC fez-se representar pelos seguintes atletas: Ana Reis, Rui Almeida, João Graça e Bruno Gomes (categoria B); Rui Gomes, Paulo Bourbon, Armando Pinto, Ana Carvalho, Maria Machado e Cristina Ramos (categoria C). Na categoria B, João Graça e Ana Reis sagraram-se campeões nacionais em pares mistos, derrotando na final a dupla João Pedro Sousa/Anny Costa (CSMA). Ana Reis sagrou-se ainda campeã nacional em pares senhoras, fazendo dupla com a atleta de Viatodos, Ana Carvalho. A dupla venceu os seus três jogos, fazendo o pleno. Já na prova de singulares se-

João Graça conquistou título

nhoras, Ana Reis perdeu na final com a atleta da União Desportiva de Santana (Madeira), Filipa Lamy, tendo desta forma ficado no segundo lugar. João Graça sagrouse vice-campeão nacional de singulares homens, tendo perdido na final com Alexandre Paixão. Na prova de pares homens, a dupla João Graça e Rui Almeida foi derrotada na meia-final pela

dupla madeirense João Pedro Sousa/Miguel Jardim que viria a conquistar o título. Quanto à categoria C, a dupla famalicense Maria Machado e Cristina Ramos, na prova de pares senhorar, saiu derrotada do confronto com a dupla Iolanda Henriques/Inês Nero. Na prova de singular senhoras, Ana Carvalho e Maria Machado perderam na meia-final enquanto Cristina Ramos foi derrotada nos quartos-de-final. Realce também para Armando Pinto que na prova de pares homens fez dupla com José Lopes (CPB), tendo sido derrotado na final. A dupla Rui Gomes/Paulo Bourbon saiu derrotada na meiafinal de pares homens, mesmo com Rui Gomes a contas com uma lesão que vinha do passado torneio de veteranos. Finalmente, na prova de pares mistos, a dupla Paulo Bourbon/Cristina Ramos foi derrotada na meia-final, enquanto as duplas Maria Machado/Armando Pinto e Rui Gomes/Ana Carvalho perderam nos quartosde-final. Desta forma, terminou da melhor maneira a participação do FAC em provas oficiais da Federação Portuguesa de Badminton.

Iniciados do FAC vencem no hóquei O FAC está a participar no Torneio de Encerramento da Associação de Patinagem do Minho, marcando presença nos escalões de escolares, infantis e iniciados, sendo que neste último escalão participa com duas equipas. A primeira jornada jogou-se em Valença, com as formações famalicenses a não se adaptarem ao piso encontrado, diferente do que têm em Famalicão, e os resultados foram afectados por isso. Os infantis e escolares perderam por 4-1 e 5-2 com o Valença, respectivamente, mas mais uma vez demonstraram qualidade para fazerem melhor no futuro. Os iniciados venceram por 3-2 a equipa de Valença. O FAC tem neste escalão a equipa A e a equipa

B e nesta formação estão integrados aqueles que foram menos utilizados durante a temporada. O calor e o terreno muito irregular penalizaram a equipa de Famalicão, uma formação mais técnica. O FAC entrou a perder mas chegou ao empate antes do intervalo. Na segunda parte os jogadores famalicenses falharam alguns lances com superioridade numérica e acabaram por sofrer o segundo golo a quatro minutos do final. Nos momentos finais, Paulinho marcou dois golos e virou o marcador a favor dos de Famalicão que venceram por 2-3. A equipa B folgou. Na próxima ronda, a equipa B de iniciados joga em Braga e as restantes jogam no Pavilhão Municipal de Famalicão frente ao CART.

Francisco Graça eliminado na 1ª divisão de bilhar Terminou a temporada para Francisco Graça. O atleta de bilhar do FAC defrontou José Biscaia, do Leça FC, o 42º do ranking. Graça (35º do ranking) precisava de vencer para conseguir o apuramento para a fase seguinte. À semelhança do sucedido na semana passada, o leceiro acabou por vencer com uma margem confortável e assim foi apurado para o quadro seguinte da competição. Em 60 entradas, Graça fez 26 carambolas e José Biscaia fez 46. Recorde-se que esta foi uma época positiva para o FAC que subiu de divisão e alcançou os quartos-de-final da Taça de Portugal. Em termos individuais, o FAC marcou presença em quase todos os torneios individuais das três divisões, atingindo várias vezes as fases finais. Finalmente, a grande vitória da temporada foi o nascimento da Academia de Bilhar do FAC que para já assegurou vários torneios com a presença dos melhores jogadores nacionais.

António Bento oitavo em Grândola A Associação Moinho de Vermoim (AMVE) participou no nacional de ciclismo de veteranos, em Grândola, com o ciclista António Bento a terminar no oitavo lugar, naquele que foi considerado “um grande resultado” pelos responsáveis da associação famalicense. O ciclista António Bento ficou no 8º lugar no escalão B, concluindo a prova com o mesmo tempo do campeão nacional. António Bento apenas foi suplan-

tado ao sprint, sendo o melhor ciclista do concelho de Famalicão nesta prova. Esta foi a primeira grande participação da AMVE numa prova deste nível, obtendo logo um resultado considerado positivo. Também participaram no nacional de veteranos os atletas da AMVE Miguel Torres, José Sá e Avelino Araújo que não concluíram a prova, uns com problemas mecânicos e outros por desistência.


sport: 3 de Junho de 2009 29

modalidades

No Meeting Internacional da Queima das Fitas

Luís Vaz alcança mínimos para Europeu O Grupo Desportivo de Natação de Famalicão esteve presente no Meeting Internacional da Queima das Fitas, que se realizou em Coimbra nos passados dias 30 e 31 de Maio, levando nove nadadores que conseguiram resultados positivos. O grande destaque pertenceu a Luís Vaz que obteve os mínimos para os campeonatos da Europa que se vão realizar em Praga, República Checa, de 8 a 12 de Julho. As marcas obtidas pelos nadadores famalicenses no II Meeting Internacional da Queima das Fitas, realizado nas piscinas olímpicas de Coimbra, foram consideradas “extraordinárias” pelos responsáveis do GDNF. Ao realizar na prova de 200 metros Livres o tempo de um minuto e 51 segundos na prova de 400 metros Livres o tempo de três minutos e 59 segundos, o nadador Luís Vaz estabeleceu os mínimos nas duas provas para os campeonatos da Europa de Juniores, estando também por isso garantida mais uma vez a presença de dois famalicenses numa competição de elite internacional. Luís Vaz também alcançou mínimos para integrar o Projecto Esperança Olímpica da Federação Portuguesa de Natação, com vista aos Jogos Olímpicos de Londres em 2012. Jorge Maia também esteve em evidência na prova de 1500 metros Livres, vencendo e obtendo a medalha de ouro e demonstrando que está a realizar uma preparação sustentada, com vista à sua participação nos Campeonatos do Mundo de Seniores, para os quais já alcançou mínimos no Open de Espanha, durante o mês de Abril. Rita Ferreira esteve imparável, alcançando mínimos de acesso ao

Academia de Cavalões marcou presença na Taça Sporting A Taça Academia Sporting visitou este fim-de-semana os distritos de Braga e do Porto para disputar as suas derradeiras jornadas antes da final que se realizará já no próximo sábado na Academia Sporting/Puma em Alcochete. Cerca de mil crianças participaram em duas jornadas repletas de animação e emoção e nem o muito calor que se fez sentir desmobilizou o entusiasmo dos participantes. A Diversãofoot, Academia de Cavalões, esteve presente neste vento. Para a galeria de vencedores

entram pelo distrito de Braga as equipas da Academia Diversãofoot (GD Cavalões/Famalicão), no escalão A, e Diogo Cão, no escalão B. Na etapa portuense apuraram-se para a final nacional as equipas do ARC Moinhos, no escalão A, a Escola Academia Sporting/Alfena, no escalão B, e no escalão feminino a ARC Moinhos. A final nacional, com os vencedores dos doze distritos que acolheram esta festa do desporto nacional, realizar-se-á no próximo domingo, dia 6 de Junho, a partir das 9 horas na Academia do Sporting, em Alcochete.

Diversãofoot organizou colóquio Nadadores famalicenses que se destacaram

Estatuto de Alta Competição, na prova de 200 metros Livres, muito próximo do recorde nacional absoluto, demonstrando que a partir deste momento a nadadora terá a ambição de lutar pelo recorde nacional sénior. De igual modo, alcançou a medalha de ouro, na prova de 400 metros Livres, ao realizar mais uma boa marca, um novo recorde pessoal e o recorde do Meeting. Para o treinador famalicense Pedro Faia foi “um Meeting extraordinário, no qual os nossos nadadores demonstraram uma excelente preparação, obtendo um mínimo para os Campeonatos da Europa Juniores, três mínimos de Estatuto de Alta Competição, um mínimo de Esperança Olímpica Londres 2012, um recorde do Meeting e cinco medalhas. Obter um leque tão alargado de bons resultados só nos faz concluir que em Famalicão há extraordinários valores desportivo, que quando realizam um desenvolvimento do

processo do treino sustentado existe um forte potencial de realizarem os objectivos a que se propõem”, disse. Sobre o final de época desportiva, o técnico do GDNF referiu que será “muito desgastante e emotivo”, uma vez que “teremos de planificar toda a preparação com vista à nossa presença nos Campeonatos da Europa de Juniores na República Checa, por intermédio de Luís Vaz, Campeonatos do Mundo de Seniores, por intermédio de Jorge Maia, no Circuito Maré Nostrum, em Cannet e Mónaco, por intermédio de Jorge Maia, e nos Campeonatos Nacionais de Absolutos que decorreram em Faro no final do mês de Julho”, concluiu. Os nadadores do GDNF que estiveram presentes em Coimbra foram: Jorge Maia, Paulo Araújo, Mário Costa, Marco Machado, Luís Vaz, João Rocha, Simão Alves, Rita Ferreira e Filipa Rompante.

A Academia de Futebol Diversãofoot, situada em Cavalões, organizou uma palestra intitulada “O desenvolvimento da inteligência no futebol de formação” que contou com a presença de alguns nomes ligados ao futebol de formação, entre eles José Ferraz, com larga experiência no futebol holandês e passagens por Ajax e Sparta de Roterdão, e do Filipe Ribeiro, da equipa técnica do FC Famalicão e coordenador das camadas jovens. Em representação da Associação de Futebol de Braga esteve o famalicense José Costa, que enalteceu a realização deste evento, e por parte da Câmara Municipal de Famalicão esteve presente o vereador do desporto, Jorge Paulo Oliveira. Este evento serviu de lançamento da Academia de Futebol recentemente criada em Cavalões e que conta com um relvado sintético de última geração, capaz de ombrear com os principais Academias de Porto, Benfica e Sporting. Este projecto pretende centrar-se na formação integral de jovens atletas, com a finalidade de os capacitar de competências necessárias para a prática de futebol ao mais alto nível. O projecto contempla ainda uma série de protocolos com equipas nacionais e internacionais. As faces visíveis são Filipe Abreu (coordenador geral da Academia) e Laurentino Ferreira (presidente do GD Cavalões).

Alunos da Escola de S. Miguel realizaram passeio de bicicleta

ADRO campeã em todos os escalões A Associação Desportiva e Recreativa Outeirense (ADRO) participou no passado sábado num torneio distrital de pares, em ténis de mesa, que se realizou em Vila Sêca (Barcelos). Estavam em disputa quatro escalões, pares masculinos, em seniores e cadetes, pares femininos e pares mistos, com a formação famalicense a conquistar o primeiro lugar em todos os escalões. A ADRO levou para casa todas as taças de primeiro lugar em disputa neste torneio de ténis de mesa, pro-

vando ser a melhor equipa em prova. Paulo Oliveira e Luís Henriques obtiveram o primeiro lugar em pares de seniores masculinos enquanto Joana Fernandes e Elsa Freitas conquistaram o primeiro posto em pares juniores femininos. Por fim, Ricardo Martins e Paulo Fernandes foram os primeiros em cadetes masculinos enquanto Paulo Oliveira e Joana Fernandes subiram ao principal lugar do pódio no escalão de seniores, em pares mistos.

Numa iniciativa da professora Isabel Fragoso, do 2º ano da Escola de S. Miguel, em Calendário, decorreu no passado fim-de-semana um passeio de bicicletas na ciclovia que juntou muitos dos alunos da escola. O passeio terminou na freguesia de Cavalões, seguindo-se um piquenique com todos os alunos e tendo ficado a promessa de repetir a experiência no próximo ano, alargando-a a toda a Escola. pub.


30

sport: 3 de Junho de 2009

modalidades

I Maratona BTT teve 500 ciclistas Equipa ribeirense vai defender título nacional em Leiria Realizou-se no passado domingo a II Lions Bike Tour/I Maratona BTT Famalicão em movimento, contando com a participação de cerca de 500 ciclistas, distribuídos pelos três tipos de prova (passeio, meiamaratona e maratona). O Lions Clube de Famalicão e a Associação Artes de Movimento, organizadores em parceria da prova, puderam testemunhar momentos de grande convívio entre as várias gerações participantes nesta actividade lúdica e desportiva, manifestando a sua enorme satisfação pelo “êxito que constituiu”. A partida foi dada às 9h20, tendo os participantes do passeio rumado à ciclovia, onde decorreu a sua prova e os demais aos exigentes percursos traçados, tendo a entrega de prémios sido feita pelas 16 horas no Parque da Juventude pelos presidentes das instituições organizadoras, pela Governadora do Distrito 115 Centro/Norte de Lions Clubes e, em representação do presidente da Câmara Municipal de Famalicão, o vereador do desporto, Jorge Paulo Oliveira, que também participou na prova.

GD Joane realiza 2º Torneio Futebol 7 O GD Joane vai levar a cabo o 2º Torneio de Futebol 7 que tem início marcado para o dia 13 de Junho no Campo de Barreiros. As inscrições podem realizar-se até ao próximo dia 6 de Junho enquanto o sorteio terá lugar no dia 8 de Junho. O torneio só se realizará caso tenham no mínimo dez equipas inscritas, com a inscrição a custar 250 euros mais 50 de caução. Quanto a prémios, o primeiro classificado ganha uma taça em ouro, com os segundos, terceiros e quartos classificados a terem direito também a taças, estando ainda reservados prémios de presença, disciplina, melhor marcador e melhor guarda-redes.

Liga Futsal Famalicão cumpriu 4ª jornada em escolinhas

Jogou-se no passado fim-desemana a 4ª jornada do escalão de escolinhas da Liga de Futsal de Famalicão, com a equipa da Sportfut a confirmar a liderança. Numa jornada que decorreu no polidesportivo do Louredo, sob organização da Academia de Futebol de Famalicão, os resultados foram: Escola Futebol Sportfut 4-0 ADC Arnoso Santa Eulália; FC Vermoim 4-2 Associação Juventude Académico; Associação Juventude Joane 2-5 Academia Futebol Famalicão; Folgou: Escolinha Futsal Toni Paiva/JASP. A classificação deste escalão está ordenada da seguinte forma: 1º Sportfut, 12 pontos; 2º FC Vermoim, 10 pontos; 3º Asso-

ciação Juventude Académico, 9 pontos; 4º Escola Futsal Toni Paiva/JASP, 5 pontos; 5º Academia Futebol Famalicão, 5 pontos; 6º Associação Juventude Joane, 4 pontos; 7º ADC Arnoso Santa Eulália, 3 pontos. No próximo domingo disputa-se a 4ª jornada do escalão de pré-escolas da Liga de Futsal de Famalicão que terá lugar no Pavilhão Municipal de Famalicão. A organização estará a cargo da Sportfut e o calendário de jogos é o seguinte: Associação Juventude Joane-Juventude Académico (15 horas); Escola de Futsal Toni Paiva/JASP-ADC Arnoso Santa Eulália (16 horas); SportfutFC Vermoim (17 horas).

CCDR apura-se para a 2ª divisão de pista

No decorrer de mais um Campeonatos Nacional de Clubes, fase de apuramento, realizados durante o passado fim-de-semana nas pistas de Guimarães, Seixal e Viseu, com a presença de 37 clubes, o Clube de Cultura e Desporto de Ribeirão apurou-se novamente para a 2º divisão de pista e com isso vai poder defender o título nacional conquistado na última época. A fase final da 1ª e 2ª divisões de pista, em atletismo, serão disputadas nos próximos dias 13 e 14 de Junho na pista de Leiria, onde o clube ribeirense vai tentar renovar o título de campeão nacional, alcançado na época transacta na pista de Faro, no Algarve. A treinadora e responsável pela equipa do CCDR, Alexandra Sarmento, referiu que “no início da época o objectivo era lutar para estar presente na 1ª divisão de pista ao ar livre, feito que nunca conseguimos alcançar, e este ano estamos com a equipa mais equilibrada e tudo indicava que íamos subir esse degrau”. “No fim da primeira jornada e realizadas dez provas, o CCDR esteve muito bem, vencendo três provas ao FC Porto, equipa de pódio da 1ª divisão, mas na segunda jornada aconteceram contratempos inesperados, como a lesão do velocista Raul Veloso, que venceu a prova de 100 metros e não pôde estar presente nos 200 metros e do lançador do peso, que por motivos de lesão não conseguiu pontuar, realizando todos os lançamentos nulos”, explicou a treinadora. Na equipa ribeirense, os destaques foram para a prestação de Renato Silva, que venceu a prova de 800 metros, e de Sérgio Dias, que efectuou uma dobradinha, vencendo as provas de 3000 e 5000 metros. No salto em comprimento, Sérgio Silva saltou seis metros e 80 centímetros e venceu na pista de Guimarães. Já no lançamento do martelo, Sérgio Santos brilhou também ao vencer com a marca de mais de 41 metros. No fim de dois dias de provas, o CCDR somou 543 pontos e terá como adversários na 2ª divisão os se-

Sérgio Dias venceu as provas de 5000 e 8000 metros

guintes clubes: Casa de Benfica de Faro, Académica, Cucujães, Belenenses, Bairro dos Anjos, Clube Campismo e Grupo Desportivo do Estreito. Alexandra Sarmento considerou que “os atletas do CCDR são fantásticos, trabalharam com muito afinco para marcarem um lugar na 1ª divisão, mas como não foi possível só pensam que o principal objectico é alcançar a vitória na 2ª divisão daqui a 15 dias”.

GD Ribeirão realiza captações O departamento de formação do Grupo Desportivo de Ribeirão está a realizar treinos de captação para todos os escalões de formação. Assim, para o escalão de escolinhas (iniciação à modalidade) os treinos são às segundas e sextas-feiras às 19 horas enquanto para escolas (1999-2000) os treinos realizam-se às terças e quintasfeiras, pelas 19 horas. Quanto ao escalão de infantis (1997-1998), os treinos realizam-se às terças e quintas-fei-

ras, pelas 20 horas, e para iniciados têm lugar à segundafeira (20 horas), quarta-feira (19h15) e sexta-feira (20 horas). Para juvenis, os treinos estão agendados para as segundasfeiras (21 horas), quarta-feiras (20h15) e sextas-feiras (20 horas). Por fim, no escalão de juniores os treinos realizam-se às terças-feiras (21 horas), quartas-feiras (20h15) e quintas-feiras (21 horas). Entretanto, o departamento de formação do GD Ribeirão irá

realizar durante o mês de Junho dois torneios de futebol 7, um sénior e outro do escalão de sub-15. O V Torneio Futebol de 7 “StressModa” e o I Torneio Futebol de 7 Sub-15 “João Paulo Vieira” iniciam-se no dia 15 de Junho e os jogos terão lugar no Campo Municipal de Ribeirão (relva sintética). As inscrições podem realizar-se até às 20 horas do dia 13 de Junho no bar do campo de treinos ou pelos números 916 633 310 ou 964 019 215. pub.


sport: 3 de Junho de 2009 31

modalidades

AVC conquista título de campeão nacional de juniores

Surpresa para quase todos

AVC derrotou Lusófona por 3-0 na final

Com esperança e sem favoritismo. Foi assim que a formação famalicense do Atlético Voleibol Clube (AVC) se deslocou a Mafra para disputar, no passado fim-desemana, a fase final do campeonato nacional de juniores. O AVC acabaria por conquistar o título de campeão, depois das famalicenses terem derrotado no passado domingo a Universidade Lusófona por três sets a dois. As famalicenses conseguiram o oitavo título com as siglas AVC, de uma forma inesperada para quem não acreditava nesta equipa. Conscientes das dificuldades, mas nunca descrentes nas suas capacidades, atletas, equipa técnica e dirigentes estavam convictos que podiam surpreender, algo que se veio a confirmar com a conquista do título nacional no último jogo. “Penso que já não haverá muitas dúvidas no seio da família do voleibol sobre a qualidade do nosso projecto”, começou por dizer Óscar Barros, coordenador técnico do AVC. “Provamos também que é possível ter formação forte, sem ter uma equipa sénior forte”, acrescentando ainda que esta conquista “tem ainda mais valor porque acontece numa fase de transição em que no clube nos adaptamos a uma nova realidade”, referiu. Na abertura da fase final, na sextafeira, a formação da casa, a Lusófona, mediu forças com o Gueifães e colocou-se em vantagem nesta fase decisiva, somando a primeira vitória. As lisboetas venceram o duelo das equipas consideradas favoritas, mas apenas na negra. O AVC entrou com a “mão esquerda” nesta fase final, perdendo com a Juventude Pacense. Com o equilibrio a ser a nota domi-

nante do encontro, a equipa orientada por Óscar Barros e Rui Oliveira até venceu o primeiro set, acabando depois por cometer alguns erros nos sets seguintes, levando a que saísse derrotada na negra. Vantagem no primeiro dia para as formações de Paços de Ferreira e de Lisboa que se iriam encontrar no dia de sábado. AVC e Gueifães lutavam entre si para continuar com o título no horizonte.

A equipa da Lusófona venceu no segundo dia de competição a formação da Juventude Pacense e parecia cada vez mais capaz de chegar ao título. No outro desafio, que opunha a equipa de Famalicão à formação do Gueifães, da Maia, o AVC deu uma outra resposta e somou o primeiro triunfo. Colocou-se em vantagem por 2-0, permitiu a recuperação das maiatas, mas acabaria por vencer. No final do segundo dia de competição, apenas as equipa do AVC e da Lusófona podiam ser campeãs e o jogo do título estava aprazado para domingo. Com uma “mão na taça” estava a Lusófona, pois precisava apenas de vencer dois sets. Já o AVC dependia apenas de si próprio, necessitando de vencer a equipa lisboeta sem consentir mais do que um set. No jogo que definia o ceptro de campeão nacional, o AVC venceu pela margem máxima. Era preciso um jogo praticamente perfeito por parte das famalicenses para levar de vencida uma equipa motivada, com uma jogadora oriunda do Brasil e com uma média de altura superior às jogadoras famalicenses. Tudo isso acabou por acontecer e com inteira justiça. Um feito digno de registo para uma formação composta por quatro juniores de primeiro ano e cinco juvenis de segundo ano. Para o próximo ano esta mesma equipa volta a jogar no escalão júnior, defendendo o título nacional.

Campeãs nacionais

Óscar Barros (coordenador técnico) “Este título foi merecido e muito suado. De todos os títulos que temos no projecto AVC, provavelmente este foi um dos mais saborosos por um conjunto de circunstân-

cias, como sejam o facto de termos jogado praticamente todo o campeonato apenas com nove jogadores e de termos medido forças com equipas de maior valia”

Carlos Sá (presidente) “É o culminar de uma formação desta equipa. São sete anos de trabalho e o sabor desta conquista é óptimo. Foi uma luta muito difícil, dado que tínhamos duas equipas candidatas ao título, a Lusófona e o Gueifães, equipas essas com atletas mais experientes que as nossas. É o culminar do investimento que sempre demos à formação, reflectido neste título de campeão nacional júnior”

Gabriela Silva (capitã equipa) “Começamos a acreditar que seria possível chegar ao título antes do início do jogo com a Lusófona. Sabíamos que era muito difícil porque as nossas adversárias eram fortes, mas que se seguísse-

mos as tácticas dos treinadores e tivéssemos um grande espírito de equipa talvez saíssemos vencedoras. Foi o que aconteceu e o título é merecido e uma recompensa de muitas épocas de trabalho”

Resultados fase final Sexta-feira AVC 2-3 Juventude Pacense (25-18; 21-25; 25-15; 22-25; 8-15) Lusófona 3-2 Gueifães A equipa do Atlético Voleibol Clube levou nove atletas para disputar a fase final de Mafra e por isso as novas campeãs nacionais de juniores são: Carla Sousa, Carina Moura, Mariana Sá, Sara Sá, Vera Mesquita, Elsa Alves, Gabriela Silva, Elsa Moreira e Cláudia. De resto, a comitiva do AVC foi ainda constituída pelos treinadores Óscar Barros e Rui Oliveira, pelos preparadores físicos José Pereira e Vítor Oliveira, pela seccionista Conceição Sá e ainda pela fisioterapeuta Liliana Soares. Todos estes elementos integraram a comitiva famalicense que trouxe o título de voleibol júnior para o concelho.

Sábado AVC 3-2 Gueifães (25-13; 25-20; 21-25; 24-26; 15-6) Lusófona 3-1 Juventude Pacense Domingo Juventude Pacense 3-2 Gueifães AVC 3-0 Lusófona (25-17; 25-19; 25-21) pub.


32

sport: 3 de Junho de 2009

publicidade


modalidades

sport: 3 de Junho de 2009 33 pub

Ciclismo de Pousada vitorioso em infantis A Associação de Ciclismo de Pousada de Saramagos/Escola Ciclismo Carlos Carvalho participou no passado domingo no 3º Encontro de Escolas da Zona A, disputado em Viana do Castelo nas categorias de iniciados, infantis e juvenis. Em infantis, a equipa de Pousada de Saramagos conseguiu vencer por intermédio do ciclista Álvaro Ferreira enquanto André Carvalho ficou no segundo lugar. Já em juvenis, João Fernandes subiu ao segundo lugar do pódio. Ainda no passado fim-desemana, os juniores da equipa famalicense marcaram presença no prémio nacional de juniores que se realizou na zona de Aveiro. Disputada em dois dias e com duas etapas, Pedro Batista, da AC Pousada de Saramagos, conseguiu garantir a camisola de líder da geral das metas volantes, mostrando o bom mo-

Ciclistas famalicenses que estiveram em Viana do Castelo

mento de forma que atravessa. No próximo sábado, 6 de Junho, os cadetes da AC Pousada Saramagos vão competir no 21º Circuito de

Avidos enquanto os juniores vão para a zona Sul do país participar na 5ª prova da Taça Nacional de Juniores.

Juventude Joane não atingiu fases finais

Equipa da Juventude Joane

A Associação Juventude de Joane foi outra das equipas famalicenses a marcar presença na Taça Academia Sporing Clube de Portugal que decorreu no passado sábado no Estádio Municipal de Famalicão, não conseguindo marcar presença nas fases finais da competição. A associação joanense participou com a sua equipa de escolinhas, com os responsáveis pela colectividade a fazerem “um balanço positivo” desta participação em mais um evento desportivo do concelho famalicense, embora tenham falhado o acesso às fases finais. A iniciativa serviu ainda para melhorar os índices competitivos com vista à competição na Liga de Futsal de Famalicão.

Artes de Movimento competiu em torneio de futebol A Associação Artes de Movimento de Famalicão, uma das colectividades mais recentes do concelho famalicense, marcou presença na Taça da Academia do Sporting, em futebol, que se realizou no Estádio Municipal de Famalicão no passado sábado. O futebol foi a nota dominante de todo o dia, com os jovens atletas desta associação a mostrarem os seus dotes futebolísticos, ficando pela fase de grupos do torneio.

Formação da Artes de Movimento

Sportfut atingiu meias-finais da Taça Academia Sporting No passado sábado decorreu no Estádio Municipal de Famalicão a 11ª jornada da Taça Academia Sporting, na qual a SPORTFUT participou com três equipas. A Escola de Futebol Sportfut apurou a equipa do sscalão B para a fase de eliminatórias, conseguindo atingir as meias-finais desta competição. Já as equipas do escalão A ficaram pela fase de grupos.

Torneio de Mini-Basquetebol O feriado de 10 de Junho foi o dia escolhido para a Associação Teatro Construção realizar o seu torneio de Mini-Basquetebol. Será no pavilhão gminodesportivo “Terras de Vermoim” com início marcado para as 10 horas.

pub


34

sport: 3 de Junho de 2009

modalidades

Diogo Nogueira e João Sampaio representam Selecção AF Braga Os jogadores famalicenses Diogo Nogueira e João Sampaio estiveram ao serviço da Selecção de futebol da Associação de Futebol de Braga no Torneio Internacional Cidade de Braga. O torneio arrancou na tarde do passado sábado, no Estádio 1º de Maio, em Braga, sendo organizada pela Câmara Municipal de Braga que trouxe oito formações para participar na prova, nomeadamente as equipas de Arsenal Clube da Devesa, Sporting Clube Braga, Leixões Sport Clube, Selecção Distrital de Sub-

14 da Associação de Futebol de Braga, Real Club Celta de Vigo, Futebol Clube de Penafiel, Futebol Clube de Vizela e Sporting Clube de Portugal. A classificação final ficou organizada: 1º Real Club Celta de Vigo; 2º Leixões Sport Clube; 3º Sporting Clube de Portugal; 4º Selecção Distrital de Sub-14 da Associação de Futebol de Braga; 5º Futebol Clube de Vizela; 6º Sporting Clube de Braga; 7º Futebol Clube de Penafiel; 8º Arsenal Clube da Devesa.

Joane BTT organiza Rota das Descobertas A Joane BTT vai organizar o seu passeio anual, denominado Rota das Descobertas, que terá lugar no feriado de 10 de Junho. A abertura do secretariado está marcada para as 8 horas, iniciando-se a prova às 9 horas, com partida e chegada na Escola Padre Benjamim Salgado, em Joane. O percurso irá ter aproximadamente 40 kms de extensão, com grau de dificuldade 3/4. As inscrições estão já abertas online e na sede da Joane BTT, havendo inscrições para sócios e não sócios, com e sem almoço, sendo que todas as inscrições incluem dorsal, seguro, lembrança, banho, reforço e sorteio de brindes.

Finais da taça concelhia foram domingo Realizaram-se no passado domingo as finais da taça concelhia da Associação de Futebol de Salão Amador de Famalicão (AFSA) que decorreram no Pavilhão Municipal de Famalicão. No escalão de iniciados, o JASP derrotou a Juventude Académico por 7-3 enquanto em juvenis a formação do Castelões venceu o Lameiras por 8-5. Já no esca-

lão feminino, o Outeirense venceu por 2-1 a formação do FC Landim enquanto no escalão sénior a equipa do Pedome foi mais forte que o Lameiras, vencendo por 4-3. Em termos de vencedores da taça disciplina, ADERM (juvenis), Juventude Académico (femininos) e União Louredo (seniores) foram as equipas distinguidas.

Pousadense empatou com EPB Braga No passado sábado, no Pavilhão Municipal Terras de Vermoim, a equipa do Pousadense recebeu o EPB Braga, em mais uma jornada do campeonato distrital, e empatou a quatro bolas. Marcaram pelo Pousadense: Paulo Pereira (2), Paulinho e André Rafael. Este foi o derradeiro jogo da série C1 do campeonato, tendo o Pousadense terminado no primeiro lugar com 20 pontos, fruto de seis vitórias e dois empates, e conseguido a manutenção. No próximo sábado, pelas 17 horas, no Pavilhão de Vizela, realiza-se a final da Taça da AF Braga de futsal, entre Pousadense e Nun’Álvares, com a equipa famalicense a disputar o troféu.

Veteranos da ATC marcaram presença no GP do GRAC Os veteranos da equipa de atletismo da Associação Teatro Construção (ATC) estiveram em destaque no Grande Prémio de Atletismo de S. Tiago da Cruz, organizado pelo Grupo Recreativo e Associativo de Cruz. Assim, Manuel Ribeiro atingiu o terceiro lugar do pódio no escalão de veteranos I. No mesmo escalão, Paulo Carvalho foi quinto classificado e António Machado 13º no mesmo escalão. Em veteranos II, José Ribeiro foi oitavo classificado, José Magalhães 10º e José Silva 14º.

Em basquetebol

Juniores da ATC conquistam Taça do Minho A equipa de juniores masculinos da Associação Teatro Construção (ATC) venceu a Taça do Minho 2008-2009, em basquetebol. Depois de terem dominado a fase regular da competição, os juniores da ATC estiveram imparáveis na final four realizada no passado fimde-semana no pavilhão desportivo da Universidade do Minho, em Braga. O título viajou assim para a vila de Joane. Na meia-final da competição, realizada no passado sábado frente ao Basket Clube de Monção, a ATC sentiu algumas dificuldades devido, sobretudo, aos problemas no ataque à defesa zona imposta pela equipa adversária. Contudo, com muita determinação, os jovens da ATC dariam a volta ao resultado, acabando por vencer com inteira justiça por 60-58 e conquistando o passaporte para a tão aguardada final da Taça do Minho. Já no domingo, na final da Taça, frente à equipa da Escola Desportiva Limiana, segunda classificada da fase regular, a ATC rea-

No final jogadores festejaram a conquista

lizou uma das melhores exibições da época. Aliando velocidade de execução e qualidade técnica, os juniores da ATC dominaram o jogo desde o seu início. No final, o resultado de 72-44 favorável à ATC reflectia claramente o domínio durante o jogo e dava motivos para muitos festejos pela conquista da

Taça do Minho. Depois de uma época em que os resultados nem sempre demonstraram o valor desta equipa, a vitória na Taça do Minho é um prémio merecido pelo trabalho realizado por este grupo de jovens atletas e pela Academia de Basquetebol da ATC.

Benjamim vence em Santa Maria Feira Num circuito citadino disputado debaixo de chuva e com os pisos escorregadios, Benjamim Silva, ciclista do Centro Recreio Camiliano (CRC), foi o grande vencedor no escalão C da 3ª prova do Circuito dos Campeões disputada em Santa Maria da Feira no passado domingo, 24 de Maio. Com esta vitória, o atleta do CRC aproximouse do líder do ranking no escalão de veteranos C, mantendo-se em segundo lugar a quatro pontos. Já José Rodrigues, ao terminar a prova no segundo lu-

gar em veteranos A, conquistou novamente a camisola amarela, sendo líder neste escalão com um ponto de vantagem do seu mais directo opositor, Luís Machado, da Madeinox/Boavista. Manuel Tinoco é sexto neste escalão. Por sua vez, Armindo Mansilhas não foi feliz nesta prova, perdendo o segundo lugar que ocupava no ranking, sendo agora terceiro em veteranos B. A próxima etapa do circuito disputa-se a 21 de Junho, na Amorosa.

José Rodrigues em terceiro no nacional de estrada O ciclista do Centro Recreio Camiliano (CRC), José Rodrigues foi terceiro e Benjamim Silva ficou na quarta posição nos campeonatos nacionais de estrada de veteranos. A prova decorreu no passado domingo em Grândola, com a participação de um total de 164 ciclistas. Divididos nos escalões A, B e C, o CRC participou com sete atletas.

José Rodrigues foi quem fez o melhor resultado, ao subir ao pódio em terceiro lugar nos veteranos A, ele que foi uma das principais figuras da prova, que foi disputada até ao último centímetro, perdendo ao sprint depois de um bom trabalho na subida que antecedia a meta. Nos veteranos C, Benjamim

Silva também foi figura de destaque, ao estar sempre na luta pela vitória, não sendo feliz e perdendo a hipótese de chegar ao pódio, terminado em quarto lugar. Os campeões nacionais foram: veteranos A, Paulo Martins (CC Salvaterra); veteranos B, Vítor Lourenço (VVL/Sintra CC); veteranos C, Tito Timóteo (Aluvia/Valongo).

Ana Rocha soma triunfo na Maratona BTT Famalicão A secção do BTT do Centro de Recreio Camiliano (CRC) esteve presente com vários betetistas nos três percursos da I Maratona BTT Famalicão em Movimento. A prova feminina foi ganha pela atleta do CRC Ana da Rocha e nos masculinos Paulo Machado foi sexto e Telmo Ferreira foi sétimo. Francisco Azevedo foi segundo na meia maratona (40 kms). pub.

Resultados da formação do GD Joane As camadas jovens do Grupo Desportivo de Joane estiveram em competição no passado fim-desemana. Os resultados da jornada

foram os seguintes: Joane 1-5 Operário (infantis); Joane 6-2 Braga Fut. (escolar, série E); Joane 1-5 Famalicão (escolas série F).

S. Cláudio reúne-se em Assembleia Geral O Centro Social, Cultural e Desportivo de São Cláudio convocou todos os seus associados para uma Assembleia Geral a realizar no próximo dia 19 de Junho, pelas 21 horas, na sede da Associação. A ordem de trabalhos passa por: aprovação do relatório de contas de gerência, apreciação e votação do orçamento e programa de acção e o tratamento de outros assuntos de interesse para a colectividade.


motores

Troféu Indoor Norte em Famalicão Vai decorrer amanhã, quinta-feira, a partir das 21h30, no Indoor Karting Famalicão, a segunda prova do Troféu Indoor Norte, organizado pelos três kartódromos Indoor do Norte do país. A primeira prova foi disputada a 7 de Maio no KCM, kartódromo onde o Troféu terminou na edição de 2008, e contou com 11 equipas. As equipas que marcaram lugar no pódio na primeira prova foram MIR Portugal (1º lugar), Pkp (2º lugar) e IKF (3º lugar). Espera-se desta segunda prova, para além de um bom convívio entre pilotos, uma boa disputa com total desportivismo. Recorda-se que este Troféu, que teve iní-

cio no ano de 2008, começa a marcar presença no calendário do karting de lazer, constituído por três provas de resistência de duas horas que se realizam todos os anos nas primeiras quintas-feiras de Maio, Junho e Julho. Os pilotos interessados em participar nas próximas edições deverão fazer testes de apuramento em qualquer uma das pistas e solicitar a sua inscrição. Prevê-se que na edição de 2010 surja um número elevado de pilotos interessados em participar, o que obrigará a organização a aumentar a duração de cada prova ou a fazer mais provas para abranger todos os interessados.

sport: 3 de Junho de 2009 35

Mais Ford Kuga a menor preço

Peugeot lança 308 CC

A Peugeot prepara-se para reforçar o seu estatuto de líder nos coupé cabriolet, com o lançamento nacional do 308 CC no próximo fim-de-semana. Nova proposta de “viatura prazer” entre os CC topo de gama, o Peugeot 308 CC destaca-se particularmente pelo estilo sedutor e pela capacidade de aproveitar mais a silhueta cabriolet. A marca Peugeot surpreendeu

e seduziu mais de 650.000 clientes no mundo ao lançar no espaço de seis anos três modelos – 206 CC, 307 CC e 207 CC – criando um processo de democratização de conceito até então elitista, o dos coupé cabriolet. Consequentemente estabeleceu-se como líder mundial do segmento dos CC e demonstrou todo o conhecimento adquirido numa silhueta de veículo prazer que corresponde a um es-

tilo de vida muito próprio. A partir deste mês caberá ao Peugeot 308 CC fazer perdurar a história da marca. Para tal, conta com qualidades referenciais que o integram no mundo dos coupé cabriolet de topo de gama e, simultaneamente, o enorme trunfo que é o motor de entrada de gama diesel 1.6 HDi de 112 cv, que não esteve disponível no Peugeot 307 CC.

“Muito mais por muito menos”. É esta a filosofia inerente à edição especial Kuga Titanium 4X, já em comercialização na rede de concessionários Ford em Portugal. Esta é uma edição especial do mais exclusivo de todos os produtos da marca em termos de espírito de aventura, dinâmica de condução e conforto a bordo, em estrada ou fora dela. O novo Kuga Titanium 4X completa o equipamento de série do nível Titanium, com elementos como pintura metalizada, vidros escurecidos, barras de tejadilho silver, retrovisores recolhíveis e sensores de estacionamento à frente e atrás, enquanto os interiores contam agora com um sistema áudio Sony CD MP3, sistema bluetooth e pack fumador. Tudo isto será a somar ao já de si muito completo equipamento de série do nível Titanium, que inclui, jantes de liga leve de 17 polegadas, faróis automáticos, limpa pára-brisas automático, faróis de nevoeiro e retrovisores eléctricos aquecidos. O requintado interior contempla estofos parcialmente em couro, botão de arranque Ford Power, computador de bordo, sistema de ar condicionado automático, consola central com apoio de braços, mesas nas costas dos bancos, cruise control, vidros eléctricos à frente e atrás, retrovisor interior electrocromático e cobertura da bagageira. Ao nível da segurança destacam-se os airbags frontais e laterais, as cortinas laterais e o ESP (Programa Electrónico de Estabilidade), em combinação com o sistema ARM (Mitigação Anti-Capotamento) e ABS com EBD (Distribuição Electrónica da Força de Travagem). pub.


36

sport: 3 de Junho de 2009

últimas

Brasileira escandalizada Megan Fox é a mais sexy para Emily Scott com a nudez dos espanhóis Susana Werner, uma das ex-ronaldinhas, passou alguns dias de férias em Espanha. Durante a sua estadia, Susana fi ficcou intrigada com a quantidade de pessoas nuas nas praias espanholas. "O povo chega à praia e vai tirando a roupa, o que é isso minha gente!? Toda à gente nua, é isso mesmo, é tão doido, que eu quase “morria” de vergonha", escreveu a brasileira no seu blog. Ela ainda contou sobre um casal de senhores que tiraram as roupas sem a menor cerimônia: "Os dois deviam ter uns 80 anos, chegaram lá e tcha na na nam, tiraram tudo e ficcaram ali, ao nosso lado fi a ler".

É mais uma autraliana, na boca do mundo e na capa de uma revista. Emily Scott faz este mês as delicias dos leitores/as da revista “Raph”. Durante a entrevista, que acompanha o trabalho fotográfico a jovem australiana disse que para si a actriz Megan Fox (na Foto) é a mulher mais sexy do mundo.

Catherine Zeta-Jones recebe 1,6 milhões por anúncio Se g un d o a pu b li ca ç ão , C at he r i ne Ze ta- J o ne s r e ce b e u q u a t r o m i l e u r o s p o r c a d a s e g u n d o . S e g u n d o a T i m es , a c t u a l m e n t e Z e t a - J o n e s é a a c t r i z b r i t â n i ca ma i s b e m p a g a d e s e m p r e . O a n ú n c i o a e s t a m a r c a d e c h a m p ô f o i ro d a d o e m P r a ga e s e r á t r a n s m i t i d o a p e n a s n o m e r ca d o a s i á t i c o , s e n d o q u e t e m u m a d u r a ç ã o d e se t e m i nu to s . N o e nta nto , se g un d o o E l M u n d o , f o i r e a l i za d a u m a v e r s ã o m a is b r e v e p a r a s e r e x i bi d a n a s s a l a s d e c i n e m a .

pub.

pub.


Desporto - Edição 891