Issuu on Google+

CCDR organiza colóquio sobre atletismo O Clube de Cultura e Desporto de Ribeirão (CCDR) vai organizar um colóquio subordinado ao tema do atletismo, intitulado “A Caminho de Pequim”. Será no próximo sábado, dia 5 de Abril, na Casa das Artes, e tem como destinatários treinadores, praticantes de atletismo, professores e estudantes de educação física, além do público em geral. Neste colóquio está prevista a presença de nomes consagrados da modalidade a nível nacional, como os treinadores dos atletas Naide Gomes, Nelson Évora e Rui Silva, incluindo ainda uma homenagem a Moniz Pereira. A sessão de abertura está marcada para as 9h30, devendo terminar pelas 17 horas.

Motores: Sérgio Batista aponta baterias ao Mundial de motociclismo

Ribeirão entra na 2ª fase com goleada em Valdevez Jovens do GD Joane em testes no Guimarães e Sporting As camadas de formação do Grupo Desportivo de Joane viram o seu trabalho ser reconhecido pelo V. Guimarães e pelo Sporting. Paulo Pacheco, jogador dos infantis joanenses, mais conhecido por Pauleta, foi chamado aos treinos do vizinho Vitória de Guimarães, enquanto Pedro Ferreira e José Ribeiro, das escolas, estiveram no passado dia 30 de Março na Academia do Sporting, em Alcochete, para integrarem um treino leonino. Os três jogadores prestaram provas e poderão no futuro voltar a ser chamados para as camadas jovens dos clubes que disputam a Liga Bwin.

Vitória ficou em casa no Rallye Famalicão

Esmeriz ganha dérbi no futsal Esmeriz e Mouquim encontraramse, no passado fim-de-semana, para o campeonato distrital de futsal e a vitória sorriu à equipa que jogo em casa, vencendo por 2-1. Apesar do triunfo do Esmeriz, o Mouquim tudo fez para conseguir outro resultado que não a derrota. Depois de uma primeira parte em que o jogo foi muito equilibrado, a segunda parte foi jogada com maior intensidade, tendo o Esmeriz entrado melhor e inaugurado o marcador. Respondeu o Mouquim que obteve a igualdade por intermédio de

Nuno e passando depois a controlar todos os acontecimentos.Aconteceu então a situação que alterou por completo o rumo do jogo. João, atleta do Esmeriz, agrediu o árbitro do encontro e a partida esteve interrompida durante largos minutos. Após o reatamento, Teixeira, jogador do Mouquim, travou em falta um contrário e viu vermelho directo, lance muito contestado pelos visitantes. Nos três minutos que faltavam o Esmeriz, em contra-ataque, chegou ao 2-1 final.

Flor Monte tem nova direcção A Associação Recreativa e Cultural A Flor do Monte tem novos corpos gerentes. Assim, a Assembleia Geral é constituída por José Oliveira (presidente), Célio Fernandes (1º secretário) e José Pereira (2º secretário). A direcção é formada por: David Rodrigues (presidente), Bento Viana (vicepresidente), Deolinda Leal (secretária); João Rodrigues (tesoureiro) e Joaquim Leal (vogal). Por fim, o Conselho Fiscal tem Américo Sá como presidente e Francisco Araújo e António Silva como vogais. Entretanto, a associação Flor do Monte vai realizar um campeonato de sueca no próximo dia 26 de Abril, sábado, integrada nas comemorações do 25 de Abril. Existem prémios até ao sexto lugar, com o primeiro a serem dois presuntos, o segundo dois frangos e o terceiro dois coelhos.

Manuel Pinheiro e Paulo Marques, em Citroen ZX, venceram o Rallye de Famalicão e subiram também à liderança do Campeonato Regional de Ralis Norte quando estão disputadas duas das oito provas que compõem o campeonato. Quanto à prova extra, Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha, em Subaru Impreza WRX, dominaram as classificativas e subiram ao mais alto lugar do pódio. Sem os vencedores da última edição em prova, as vitórias voltaram a ficar em casa, sorrindo a pilotos do concelho famalicense.

Oliveirense de olho na subida de divisão


30

sport: 2 de Abril de 2008

grande área

Vitórias voltaram a ficar em casa na 19ª edição do Rallye de Famalicão

Manuel Pinheiro e Pedro Rodrigues triunfaram Bruno Marques

RV foto/ Rui Couto

Manuel Pinheiro e Paulo Marques, em Citroen ZX, venceram o Rallye de Famalicão e subiram ao primeiro lugar do Campeonato Regional de Ralis Norte quando estão disputadas duas de oito provas. Já na prova extra, Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha, em Subaru Impreza WRX, levaram a melhor sobre a concorrência. As duplas famalicenses voltaram a dominar o rali do concelho. O bom tempo que se fez sentir na tarde de sábado levou muito público para a estrada para assistir à passagem dos pilotos. Com dois troços, Calendário/Fradelos e Requião/Telhado, a serem percorridos duas vezes, as equipas presentes no rali tiveram a oportunidade de dar espectáculo. Da Praça Cupertino de Miranda saíram 37 participantes, 26 do Regional de Ralis e 11 da prova extra, e desses apenas 21 conseguiram concluir a prova. A vitória da dupla famalicense começou a desenhar-se a partir da segunda especial, aproveitando da melhor forma a desistência de José Mota e André Mota, com problemas de aquecimento no Mitsubishi Lancer EVO IV. Na primeira especial a formação da Comptisport foi a mais rá-

aos comandos de um Peugeot 205 GTI, e o 14º posto de Filipe Martins que levou o Fiat Cinquecento até à Câmara Municipal. Já na prova extra, a dupla Pedro Silva/Vítor Martins, da Padock Competições, conseguiu o segundo melhor tempo em termos de famalicenses, terminando na quinta posição, seguindo-se José Janela em sexto lugar e José Carvalho no sétimo posto.

Manuel Pinheiro e Paulo Marques no primeiro lugar do pódio

pida, mas as outras três foram depois dominadas por Manuel Pinheiro e Paulo Marques. “Os adversários foram a principal dificuldade da prova e tivemos a felicidade pela desistência do José Mota”, adiantou Manuel Pinheiro, concluindo que a partir daí “foi preciso apenas gerir o tempo ganho nas espe-

ciais”. Há três anos afastado dos ralis, Manuel Pinheiro está a regressar em força e é neste momento o líder da classificação do Regional. “Queríamos ficar nos cinco primeiros lugares e nunca pensei em vencer este rali, embora tenha um sabor fantástico vencer em casa”, concluiu. A prova extra teve um domí-

nio claro dos Subaru Impreza WRX já que os três lugares do pódio ficaram preenchidos por pilotos ao volante de carros dessa marca. Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha, a correrem em casa, levaram a melhor sobre a concorrência e só se deixaram bater na primeira especial por Ricardo Costa e Nuno Almeida, em Mitsubishi EVO VIII, que competem no nacional e abrilhantaram o Rallye de Famalicão. Ao comando de um dos três carros do Team Famalicão que marcaram presença na prova extra, Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha revelaram ainda estar em período de adaptação ao carro. “Tentamos fazer o melhor, sabendo que existiam carros muito bons em prova. Contava apenas rodar e adaptar-me ao carro, mas tudo correu bem e acabamos por vencer”, disse o piloto. O Subaru era a principal aposta do Team Famalicão para levantar o troféu na prova extra e o objectivo traçado por José Janela acabou por ser conseguido. Em prova estiveram muitos famalicenses e para além das vitórias alcançadas por Manuel Pinheiro e Pedro Rodrigues, há ainda a destacar o 11º lugar conseguido por Manuel Miranda,

Organização fez balanç o positivo A organização do Rallye de Famalicão ficou mais uma vez a cargo da secção de desportos motorizados do FC Porto, contando ainda com o apoio da Câmara Municipal de Famalicão. O balanço feito por Carlos Cruz, director da prova e presidente da secção portista, foi positivo, desde logo pela presença no rali de todos os 26 inscritos no Campeonato Regional de Ralis Norte. “Não podia correr melhor, no plano desportivo foi óptimo e no número de concorrentes, até olhando às dificuldades económicas que o país atravessa, também foi muito bom, decorrendo sem problemas e sem qualquer incidente”, destacou Carlos Cruz, assumindo que “é muito difícil de acontecer a presença em simultâneo de todos os pilotos que integram o regional de ralis”. Por parte da autarquia famalicense, Jorge Paulo Oliveira, vereador do desporto, teve um discurso semelhante ao de Carlos Cruz, considerando ter sido “dado mais um pequeno passo para que o Rallye de Famalicão suba no patamar da modalidade”. “O público esteve em grande número, existiu grande competitividade e estiveram reunidos todos os ingredientes que permitem assegurar que o balanço foi positivo”. O vereador reiterou a aposta da autarquia em fazer do Rallye de Famalicão uma prova de cada vez maior importância em termos de desportos motorizados. O objectivo passa por levar a prova a ser integrada no Open de Ralis, campeonato imediatamente a seguir ao patamar ocupado pelo Regional de Ralis Norte.

Classifi ficcação Final Regional Ralis Norte: 1º Manuel Pinheiro/Paulo Marques (Citroen ZX) 2º António Oliveira/António Campos (Peugeot 205 GTI) 3º Jorge Leite/Estefânio Pinto (Nissan Sunny) 4º Sérgio Oliveira/José Vieira (Citroen AX) 5º Rui Soares/Bruno Gonçalves (Peugeot 205 GTI)

Classifi ficcação Final Prova Extra: 1º Pedro Rodrigues/Sérgio Rocha (Subaru Impreza WRX) 2º Nuno Pereira/Nuno Silva (Subaru Impreza WRX) 3º Vítor Lopes/Fernando Miguel (Subaru Impreza WRX) 4º Manuel Castro/Luís Costa (Mitsubishi Lancer EVO VII) 5º Pedro Silva/Vítor Martins (Fiat Punto) 6º José Janela/André Cortinhas (VW Polo) 7º José Carvalho/Miguel Marques (Citroen C2)


sport: 2 de Abril de 2008 31

grande área

Famalicenses estiveram em bom número

PÓDIO

RV foto/ Rui Couto

Pires

RV foto/ Rui Couto

Manuel Pinheiro levou Citroen ZX à liderança do Regional

RV foto/ Rui Couto

Filipe Martins e Sérgio Sousa em Fiat Cinquecento

Pires continua a ser um dos melhores jogadores do Ribeirão e na primeira jornada da fase da subida contribuiu com três golos para o triunfo por 4-1 sobre o Valdevez. O jogador esteve perto de abandonar os ribeirenses no mercado de Inverno e a aposta na manutenção de Pires, feita pela direcção do clube, já está mais do que justificada.

RV foto/ Rui Couto

RV foto/ Rui Couto

Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha, em Subaru, venceram Prova Extra

Pedro Rodrigues e Sérgio Rocha festejam a vitória

RV foto/ Rui Couto

Peugeot 205 GTI de Manuel Miranda ficou no 11º lugar do Regional

2º Joana Fernandes A jogadora de ténis de mesa do Outeirense venceu o campeonato distrital que se realizou em Barcelos, mostrando mais uma vez todo o seu potencial. Joana Fernandes já conquistou seis campeonatos distritais individuais consecutivos, no escalão júnior feminino, e promete continuar a elevar bem alto o nome do concelho.

Paulo Marques não conseguiu levar Renault 11 turbo até ao final

Pedro Silva e Vitor Martins levaram o Fiat Punto à 5ª posição do Extra

José Carvalho, em Citroen C2, foi um dos 4 famalicenses a terminar a Prova Extra

Foto GTI

RV foto/ Rui Couto

Manuel Pinheiro/ Paulo Marques

José Janela comandou VW Polo do Team Famalicão

A dupla famalicense conseguiu manter a tradição de vitória de equipas do concelho no rali da cidade. Para além do triunfo na segunda prova do Regional de Ralis Norte, o piloto de Famalicão alcançou também a liderança do campeonato e promete estar na luta pelo título final.


sport: 2 de Abril de 2008

32

futebol

Ribeirão entrou com o pé direito na fase da subida após golear (4-1) Valdevez

Melhor era impossível Árbitro: Rui Patrício (Aveiro) Auxiliares: Alberto Diogo e Sério Saldanha

Valdevez Ribeirão Rui Sacramento Joel (78’ Edson) André Carvalho (45’ Júlio César) Daniel David (40’ Rafael) Agostinho Kleber Pedro Maciel Coentrão Cássio Amaral

Matos Pica Paulo Rola Luiz Alberto Nelson Varela Monteiro (90’ Tiago Silva) Ricardo Jorge Pires Leandro Moita (85’ Bruno Pereira)

Treinadores Jorge Casquilha

Lito Vidigal

Golos: 22’ Pires (0-1); 45’ Pires (0-2); 55’ Amaral (1-2); 77’ Nelson (1-3); 82’ Pires (1-4). Cartões Amarelos: 39’ Amaral; 55’ Nelson; 65’ Leandro; 76’ Moita; 77’ Daniel. Cartões Vermelhos: Não houve.

José Clemente O Grupo Desportivo de Ribeirão deslocou-se no passado domingo a Arcos de Valdevez para defrontar a equipa local naquela que foi a primeira jornada da segunda fase do nacional da segunda divisão. Pode dizer-se que os ribeirenses não se saíram nada mal com esta deslocação, vencendo por quatro bolas a uma e entrando na fase da subida da melhor forma possível. O sonho da subida ganhou grande alento. A vitória dos visitantes não oferece qualquer contestação já que o Ribeirão foi muito melhor que o seu adversário mas para isso muito contribuiu a tarde mag-

Pires contribuiu com três golos para a vitória

II DIVISÃO RE SUL TA DOS

Jogo no Estádio Municipal da Coutada

primeira substituição nada tinha acontecido, já com esta as coisas melhoraram e muito para os donos do terreno que viram aos 60 minutos Amaral, num belo remate de fora da área e sem qualquer hipótese de defesa para Matos, reduzir para 1-2. A partir daqui, o Valdevez cresceu mas foi sol de pouca dura porque aos 75 minutos, e na marcação de um livre, Nelson, com a ajuda do guarda-redes, marcava o terceiro golo para a sua equipa. Com este tento acabou o jogo para os homens da casa, mas mesmo assim o Ribeirão, em mais uma bonita jogada pelo lado direito conduzida por Ricardo Jorge, chegou ao quarto tento por intermédio de Pires que fechou a contagem. No cômputo geral poderemos dizer que o Ribeirão esteve numa tarde onde a eficácia foi total. Foi uma vitória importante que coloca a equipa do Passal na segunda posição com 25 pontos, a quatro pontos do líder União da Madeira. Na próxima jornada o Ribeirão recebe em sua casa o Tirsense. Quanto ao árbitro fez um trabalho a todos os níveis excelente.

1. 2. 3. 4. 5. 6.

Série A

Lousada, 0; U. Madeira, 1 Valdevez, 1; Ribeirªo, 4 Tirsense, 0; Chaves, 1

CLAS SI FI CA ˙ˆO

PR XI MA

nífica de Pires que à sua conta marcou três dos quatro golos da equipa. O Ribeirão apresentouse muito bem organizado, com Lito Vidigal a colocar Leandro a jogar muito perto dos centrais da equipa do Valdevez e a dar liberdade a Pires para fazer o jogo que estava ao seu alcance. O primeiro golo iria aparecer à passagem do minuto 22 num livre de Luiz Alberto. De costas para a baliza, Pires, de cabeça e como só ele sabe fazer, abriu o activo e deu vantagem ao Ribeirão. Ao ver que a sua equipa não reagia à desvantagem, Casquilha mexeu pela primeira vez no seu onze e aos 37 minutos tirou o capitão David e fez entrar Rafael para o seu lugar. Esta alteração nada de novo veio trazer à equipa da casa. Ainda antes do intervalo foi novamente Pires a marcar só que desta vez foi com o pé, colocando o Ribeirão a vencer por duas bolas a zero. Foi precisamente com este resultado que se chegou ao intervalo. Nada mais justo face à produção patenteada pelas duas partes em confronto. O Valdevez, que está neste momento a atravessar uma crise directiva e financeira, embora não tenha sido por essa razão que averbou esta derrota, sentiu sempre dificuldades em contornar as dificuldades criadas pelos ribeirenses. A postura colocada em campo pelos jogadores do Ribeirão não deu grandes hipóteses de reacção ao adversário. Para a segunda parte, Casquilha, treinador do Valdevez, voltava a alterar o seu onze, deixando André Carvalho nos balneários e fazendo entrar Júlio César. Se com a

1-4

U. Madeira Ribeirªo Chaves Tirsense Lousada Valdevez

J

V

E

D

F

C

1 1 1 1 1 1

1 1 1 0 0 0

0 0 0 0 0 0

0 0 0 1 1 1

1 4 1 0 0 1

0 1 0 1 1 4

P

29 25 25 25 23 21

U. Madeira - ValdevezRibeirªo - Tirsense Chaves - Lousada

Numa Assembleia Geral Extraordinária muito concorrida

Sócios alinham na subida da Oliveirense A Associação Desportiva Oliveirense realizou, no passado sábado, uma Assembleia Geral Extraordinária para o tratamento de assuntos relativos à vida do clube, tendo os associados dado luz verde para uma aposta declarada na subida de escalão. A assembleia teve a presença de cerca de 70 sócios que concordaram ainda com o pagamento de um bilhete extra nos jogos em casa para ajudarem nas despesas da Oliveirense. Com o objectivo de dissecar todas as incidências da época até ao momento actual, a direcção da colectividade de Oliveira Santa Maria colocou ainda em cima da mesa o futuro imediato do clube. Depois de ter garantido o primeiro lugar na série B da 3ª divisão, a Oliveirense está bem colocada para atacar a subida de escalão na segunda fase do campeonato e a direcção pretendeu saber se poderia contar com o apoio dos sócios. “Analisámos os aspectos positivos e negativos de uma eventual subida e a direcção avançou com algumas propostas, entre elas o pagamento de um bilhete extra nas cinco partidas que vamos realizar em casa na fase da subida”, referiu Ângelo Guimarães, presidente da Oliveirense, ao OPINIÃO SPORT. A proposta foi aceite e será “importante para colmatar todas as despesas”. O objectivo definido para esta tem-

Oliveirense começa, domingo, a disputar a fase da subida frente ao Paredes

porada, a manutenção, já está garantido e tudo o que vier para além disso será bem-vindo na freguesia famalicense. “A vontade dos associados passa pela subida, eles estão com o clube e a partir daí vamos tentar subir de divisão, colocando todos os esforços nesse sentido, até porque estamos bem colocados junto das equipas que terminaram nos seis primeiros lugares na primeira fase”, concluiu.

Desta forma, e depois de um discurso muito cauteloso ao longo da época, os responsáveis da Oliveirense assumem, pela primeira vez, que o objectivo é disputar a 2ª divisão nacional em 2008/2009. Caso este objectivo, agora traçado, seja alcançado será um feito inédito no historial do clube. A equipa tem o seu estatuto já consolidado na 3ª divisão nacional e agora irá procurar chegar mais longe.

A fase da subida inicia-se no próximo domingo, com a Oliveirense a jogar no terreno do Paredes. A formação de Mário Jorge começa a segunda fase com 25 pontos, os mesmos do Amarante, sendo que o Paredes tem menos quatro pontos somados. Os dois primeiros classificados desta série de seis equipas sobem à 2ª divisão nacional. B . M.


sport: 2 de Abril de 2008 33

futebol

Louro goleado em Esposende

São Cláudio soma mais um ponto

AFB I DIVISÃO

CLAS SI FI CA ˙ˆO

J

V

E

D

F

C

P

CLAS SI FI CA ˙ˆO

RE SUL TA DOS

J

V

E

D

F

C

P

Série B

CLAS SI FI CA ˙ˆO

J

V

PR XI MA

PR XI MA

Esposende, 4; Louro, 0 `. Alvelos, 3; Arentim, 0 Gandarela, 1; LOUSADO, 1. Fªo 23 17 4 2 49 11 55 1. `guias Gra a22 16 2 4 39 13 50 1. Pica 22 16 2. Taipas 23 15 7 1 38 16 52 2. Pico Regalados 20 14 3 3 34 12 45 2. Porto d’Ave 22 15 3. Vilaverdense23 13 4 6 37 24 43 3. Tibªes 22 10 7 5 35 28 37 3. Ronfe 22 12 4. Santa Maria 23 11 8 4 33 17 41 4. Terras Bouro22 11 3 8 44 28 36 4. Silvares 22 12 5. St“ EulÆlia 23 10 9 4 39 21 39 5. NINENSE 21 10 6 5 33 23 36 5. Airªo 22 11 6. Martim 23 9 9 5 32 20 36 6. Palmeiras 22 9 5 8 40 26 32 6. GONDIFELOS 22 10 7. Esposende 23 6 13 4 27 17 31 7. `guias Alvelos 21 9 4 8 25 28 31 7. Polvoreira 22 9 8. Alegrienses 23 6 8 9 26 28 26 8. Viatodos 22 8 6 8 24 27 30 8. Antime 22 8 9. Forjªes 23 7 5 11 22 32 26 9. Soarense 22 6 11 5 26 24 29 9. Santo Adriªo22 8 10. Laje 23 7 5 11 24 34 26 10. Catel 22 8 5 9 28 27 29 10. Tabuadelo 22 8 11. Louro 23 6 6 11 25 43 24 11. Pousa 22 6 10 6 25 24 28 11. Briteiros 22 8 12. Torcatense 23 5 7 11 20 36 22 12. T. Caldelas 22 6 7 9 26 30 25 12. Pedralva 22 5 13. Arıes 23 4 9 10 19 29 21 13. Apœlia 22 6 6 10 32 35 24 13. LOUSADO 22 6 14. Cabeceirense23 3 9 11 18 39 18 14. Roriz 22 5 7 10 21 33 22 14. S. Paio d’Arcos 22 6 15. Sªo Paio 23 3 9 11 21 46 18 15. Fragoso 22 6 3 13 25 39 21 15. Arco Baœlhe 22 4 16. Ponte 23 St“ EulÆlia - Ponte 16. Arentim 22 Palmeiras - P. Regalados 16. Gandarela 22 2 8 13 Forjªes - Vilaverdense 1 1 20 Fragoso - Roriz 2 5 15 17 34 14 Fªo - Arıes 13 73 4 Tibªes - Catel 15 53 11 Santa Maria - Martim Taipas - Torcatense Arentim - Soarense T. Caldelas - Terras BouroLOUSADO - GONDIFE PR XI MA

AFB II DIVISÃO

Série 1

AFB II DIVISÃO

Série 4

GONDIFELOS, 1; S. P.Porto d’Arcos, d’Ave, 1; Pica, 3 Tadim, 2; Fonte Boa,11 Campelos, 4; VITORIA,SˆO1 CLAUDIO, 2; BAIRRO, 20 Antime, 2; Santo Adriªo, 0MOUQUIM, 3; Antas, 3Marca, 1; Granja, 1 LAGENSE, 2; . S. Romªo, 2 2 Briteiros, 2; Pedralva, 1 2; Ronfe, 1 Juv. Belinho, 0; VilaBastu Chª,o,4 1; S. Ver ssimo, Ases Airªo, 4 St“ EufØmia, 4;Gon Selho, a, 1;1 Pevidem, 4 Polvoreira, 2; Tabuadelo, 1 2; OPER`RIO,Celeir s, 7; Tebosa, 0 DELAES, 1; S. COSME,P.1 MatamÆ, 0; RUIVANENSE, Arco Baœlhe, 1; Silvares,TELHADO, 5 E

D

F

C

P

CLAS SI FI CA ˙ˆO

RE SUL TA DOS

Série A

J

V

1 5 1 43 13 53 1. Vila Chª 21 16 4 3 40 11 49 2. Celeir s 21 11 6 4 47 20 42 3. Antas 21 10 5 5 33 19 41 4. MOUQUIM 21 11 5 6 24 17 38 5. OPER`RIO 21 11 2 10 34 33 32 6. Marca 21 9 5 8 34 37 32 7 7 27 25 31 7. Fonte Boa 21 8 7 7 23 22 31 8. Granja 21 7 6 8 35 24 30 9. Sªo Ver ssimo21 7 3 11 26 32 27 10. Tadim 21 4 6 11 25 37 21 11. TELHADO 21 3 3 13 23 36 21 12. Bastu o 21 5 2 14 19 37 20 13. Tebosa 21 2 1 17 23 55 13 LOS 14. Juv. Belinho21 S. Paio d’Arcos - Briteiros 2 5 14 Pedralva - Polvoreira Tabuadelo - Porto d’Ave 21 53 11

E

D

F

C

P

CLAS SI FI CA ˙ˆO

J

V

E

D

F

10 10 10 10 9 8 8 8 6 7 7 3 21

8 6 5 5 7 8 6 5 9 6 5 9 14.

3 38 5 36 6 34 6 25 5 35 5 27 7 45 8 35 6 24 8 24 9 29 9 32 DELAES

13

4

18

22

C

P

22 24 28 22 22 20 35 30 24 25 42 44

38 36 35 35 34 32 30 29 27 27 26 18 21

2

15

2 4 1 68 21 52 1. Pevidem 21 6 4 36 16 39 2. A. St“ EufØmia 21 8 3 34 23 38 3. . S. Romªo 21 3 7 44 29 36 4. SˆO CLAUDIO 21 3 7 33 23 36 6 6 42 32 33 5. Campelos 21 6 7 43 40 30 6. RUIVANENSE 21 8 6 23 24 29 7. LAGENSE 21 7 7 36 30 28 8. Gon a 21 8 9 30 39 20 9. BAIRRO 21 9 9 25 49 18 10. S. COSME 21 3 13 20 50 18 11. Selho 21 6 13 23 49 12 12. P. MatamÆ 21 Antas - Fonte Boa 13. VITORIA Vila Chª - MOUQUIM 3 OPER`RIO - Juv. Belinho 5 Granja - TELHADO 23 43 PR XI MA

AFB I DIVISÃO

Sªo Paio, 1; Martim,Arıes, 1 Soarense, 2; Palmeiras, 3; Forjªes, 0 3 2 Ponte, 2; Santa Maria, 2 P. Regalados, 1; Fragoso, Torcatense, 0; Fªo, 2 Terras0Bouro, 2; Apœlia, Vilaverdense, 0; St“Alegrienses, EulÆlia, 0; Taipas, 0Roriz, 2; Tibªes, 0 `. Gra a, 0; Viatodos, 0 2 Cabeceirense, 2; Laje, 1 Catel, 1; Termas Caldelas, NINENSE, 1; Pousa, 1

Miguel, Prego I, Couto, Simões (60’ Vitinha), Manuel Peneda, Rudi, José Rui (60’ Luca), Daniel, Carneiro e Ivo (85’ Ricardo). Rui Faria

RE SUL TA DOS

Série 1

tos do líder Pevidém que irá receber defrontar na próxima jornada. O jogo está marcado para sábado às 16 horas. O S. Cláudio alinhou com: Hélder, Luís

RE SUL TA DOS

RE SUL TA DOS

AFB DIVISÃO HONRA

Na Divisão de Honra da Associação de Futebol de Braga, o Louro perdeu por 4-0 no terreno do Esposende, em jogo relativo à 23ª jornada do campeonato. A equipa famalicense não conseguiu contrariar o favoritismo dos homens da casa e acabou por ser goleado, ocupando agora a 11ª posição na tabela classificativa com 24 pontos. O Fão foi o grande vencedor da jornada, disparando na frente do campeonato, agora com mais três pontos do que o Taipas que escorregou após o empate a zero no reduto do Alegrienses. A luta pelo primeiro posto continua cada vez mais limitada a Fão e Taipas já que Vilaverdense e Santa Maria voltaram a desperdiçar pontos uma vez que não conseguiram vencer os jogos de mais uma jornada disputada ontem na Divisão de Honra.

Plantel do S. Cláudio, época 2007/08

PR XI MA

Na 21ª jornada do campeonato da 2ª divisão distrital, série D, o S. Cláudio recebeu e empatou com o Bairro a duas bolas. A equipa da casa entrou bem no jogo, mas foi o Bairro a meio da 1ª parte que fez o 0-1 através de um livre directo. O S. Cláudio tudo fez para chegar à igualdade ainda na 1ª parte, no entanto os visitantes aproveitaram uma desatenção da defesa adversária para chegarem ao 0-2, resultado com que se atingiu o intervalo. Na 2ª parte os locais apareceram com outra atitude e as oportunidades foram surgindo naturalmente. O S. Cláudio chegou ao primeiro golo depois de um bom cruzamento de Ivo finalizado ao segundo poste por Carneiro de cabeça. A pressão sobre o Bairro aumentou e depois de uma boa arrancada de Vitinha pelo lado esquerdo, servindo Luca em boa posição que fez o 2-2 final. A arbitragem teve nota positiva. Com este resultado, o S. Cláudio continua nos lugares cimeiros da tabela classificativa a três pon-

48 14


34

sport: 2 de Abril de 2008

futebol

Juniores famalicenses entram com derrota na segunda fase Os juniores do FC Famalicão iniciaram no passado sábado a sua participação na segunda fase do campeonato nacional de juniores, com uma derrota por 3-2 no terreno da Sanjoanense. Apesar de terem como objectivo a subida à 1ª divisão nacional do escalão, os famalicenses entraram mal na derradeira fase do campeonato. O Famalicão deslocou-se ao terreno de um sério candidato à subida de divisão, a Sanjoanense, e não foram nada felizes pois perderam numa partida em que ainda assim o equilí-

brio foi a nota dominante. No cômputo geral até se pode considerar um resultado feliz para a equipa da casa que esteve a perder, mas os atletas da casa tiveram a serenidade necessária para dar a volta ao resultado e assumir desde já o primeiro lugar no grupo. No outro jogo o Tourizense perdeu por 2-0 com o Beira-Mar. Na próxima jornada, que se joga no dia 5 de Abril, os juniores do Famalicão recebem no Estádio Municipal a formação do Tourizense, partida marcada para as 16 horas.

Vitória por 5-1 em dérbi concelhio

Infantis A dominaram Ruivanense

Iniciados do Ribeirão sagram-se campeões de série No campeonato distrital de iniciados o destaque na série 4 vai inteirinho para a magnífica carreira protagonizada pela formação jovem do GD Ribeirão que ao golear o FC Famalicão no passado fim-desemana por 8-0 conseguiu vencer o seu grupo e apurar-se para a fase final. Nos 21 jogos disputados, os ribeirenses venceram todas as partidas, marcando 117 golos e só sofreram um, contra o último classificado e de grande penalidade. Ribeirão e Sporting Braga são para já as duas equipas apuradas para a fase final deste campeonato de iniciados. Entretanto, e noutra camada de formação, os juniores do Ribeirão venceram no fim-de-semana a Oliveirense por 4-1 e passaram para o primeiro lugar, beneficiando do empate do Fafe.

Resultados do GD Joane… Os resultados das camadas jovens do Joane foram os seguintes: Brito 2-1 Joane (distrital juniores); Realense 1-0 Joane (distrital juvenis); Arnoso 2-2 Joane (distrital iniciados); Joane 2-1 Brito (distrital infantis); Ruivanense 3-5 Joane (distrital escolas). Próxima jornada: distrital de juniores, Joane-Ribeirão (sá-

bado, 16 horas, Campo Riopele); distrital de juvenis, Joane-Brufense (domingo, 10 horas, Campo Riopele); distrital de infantis, Ponte-Joane (domingo, 9h30, Campo do Ponte); escolas série E, Joane-Vizela (sábado, 10 horas, Campo do Fórum); escolas série F, S. Jorge-Joane (domingo, 11 horas, Campo do S. Jorge em Fafe).

Exibição dos da casa foi suficiente para derrotar Ruivanense

No passado fim-de-semana os infantis A do Famalicão receberam o Ruivanense para um jogo que não se esperava ser de grande dificuldade para esta formação. O encontro decorreu com claro domínio dos locais e as oportunidades de golo surgiam naturalmente, tendo o resultado final ficado em 5-1. Aliado a alguma falta de sorte dos famalicenses esteve a atenção do guarda-redes dos visitantes que fez com que o tão procurado golo só surgisse no último minuto da primeira parte por Diogo Lobo, indo as formações para descanso com o resultado em 1-0. No segundo tempo as equipas voltaram com a mesma atitude. Os locais a dominar o jogo e os visitantes apostados em defender e a jogar em contra-ataque. O Ruivanense acabaria por conseguir o empate numa distracção da de-

fesa famalicense, mas no minuto seguinte João Sampaio vê Diogo Lobo a desmarcar-se e coloca-o frente a frente com o guarda-redes para fazer o 2-1 para a sua equipa. De seguida, o mesmo jogador coloca a bola na cabeça de Cristiano para este fazer o 3-1. No minuto seguinte, após marcação de um canto, os visitantes ainda fizeram um auto golo (4-1). Até ao final da partida assistiu-se ao domínio da equipa local mas só no último minuto chegaria de novo ao golo, com o capitão Diogo Nogueira a fechar o marcador em 5-1. Neste jogo os famalicenses mostraram ser uma equipa que quando está unida e concentrada é muito complicada de bater, apesar de neste encontro com o Ruivanense terem estado menos bem. Apesar desta formação se encontrar já com duas baixas importan-

tes, depois da lesão do central Pedro Rafael, desta vez é um dos seus melhores marcadores e titular indiscutível, Luís Peixoto, ficar de fora depois de fracturar um braço. Na próxima semana, sábado às 9h30, os infantis A do Famalicão irão a Guimarães para o jogo mais esperado da segunda volta, onde defrontarão o líder da competição o Vitoria de Guimarães. O Famalicão não terá facilidades mas em caso de vitória poderá isolarse na segunda posição do campeonato. Pelo Famalicão jogaram: Ricardo, Pedro Veloso, Diogo Nogueira, Nuno Monteiro, Carlos Paneira, João Sampaio e Diogo Lobo. Jogaram ainda: Ferreira, João Lobo, Daniel Ribeiro, Renato Lobo e Cristiano Borges. Pedro Lobo

…e do FC Famalicão Na jornada do passado fim-de-semana registaram-se os resultados: Sanjoanense 3-2 Famalicão (nacional juniores); Famalicão 0-1 Gil Vicente (distrital juvenis); Ribeirão 8-0 Famalicão (distrital iniciados); Famalicão “A” 5-1 Ruivanense (distrital infantis); Famalicão “B” 0-7 Oliveirense (distrital infantis); Louro 0-6 Famalicão “A” (distrital escolas); Guimarães 5-0 Famalicão “B” (distrital escolas). Próxima jornada: FC Famalicão-Tourizense (sábado, 16 horas, Estádio Municipal); distrital de juvenis, Maria Fonte-Famalicão (sábado, 16 horas); distrital de iniciados, Famalicão-Escola Amílcar Almeida (domingo, 10 horas, Campo de Treinos); distrital de infantis, GuimarãesFamalicão (sábado, 9h30); distrital de infantis, Os Craques- Famalicão (domingo, 10 horas); distrital de escolas, Famalicão-Ruivanense (sábado, 9h30, Campo do S. Cláudio); distrital de escolas, FamalicãoCeloricense (sábado, 11 horas, Campo S. Cláudio).

Dérbi de escolas favorável ao Famalicão Na 16ª jornada do Campeonato Distrital de Escolas A, o FC Famalicão deslocou-se até ao Louro para disputar mais um dérbi concelhio e venceu por seis bolas a zero. Foi um jogo relativamente fácil face a um opositor que nunca pôs em causa a superioridade dos jovens da formação do Famalicão que mesmo assim não realizaram um grande jogo. O Famalicão dominou todo o jogo e ao intervalo já vencia por três bolas a zero. No reatamento os

famalicenses viriam a marcar por mais três vezes, colocando o resultado final em seis a zero. Pelo Famalicão alinharam: Zé, Chico, Marco, Jorge (1), Hugo (2), João Vale (2), Hélder, Cortinhas, Gonçalo (1), Lalas e Migas. Destaque ainda para a vitória da equipa do Famalicão no torneio da Páscoa, realizado na passada semana em Celeirós, tendo os famalicenses derrotado na final o conjunto do Leixões por duas bolas a uma.

Infantis B do Famalicão sofrem pesada derrota A frase "no melhor pano cai a nódoa" será o termo correcto para definir a copiosa derrota que a Oliveirense infringiu ao Famalicão por 7-0. Os rapazes do Famalicão, que estavam a realizar um excelente campeonato, acabaram por ser goleados com toda a justiça pela congénere de Oliveira Santa Maria. A Oliveirense terá ficado surpresa com a facilidade com que golearam uma equipa que os havia derrotado na primeira volta do campeonato. O Famalicão até nem entrou mal no jogo, comandando a posse de bola, mas os deslizes foram acontecendo e percebeu-se logo que a Oliveirense ia fazer do contra-ataque a sua arma. Eficazes e astutos, os visitantes souberam sem-

pre esperar pelo erro do seu adversário. O que ninguém previa era que o Famalicão perderia a cabeça, pois cada vez que tentava reagir sofria um golo. Após o segundo golo da Oliveirense foi o descalabro e ao intervalo já se registavam 0-5. A Oliveirense demonstrou ser uma boa equipa, organizada e bem posicionada no terreno, mostraram grande maturidade pois souberam sempre respeitar o adversário que perceberam logo que estava em dia não e tiraram partido disso mesmo com inteligência. O FC Famalicão alinhou com: Miguel, Tigas, Marco, Carlitos, André Gomes, Simão, Dinis, Viana, Dani, Fred, Mario e Ruben.

CRC marcou presença em Gondar A equipa de BTT do Centro Recreativo Camiliano (CRC) marcou presença no passado fim-desemana na segunda prova de Cross Country do Regional do Minho, em Gondar (Guimarães). Este Cross não correu da melhor forma à equipa do CRC que viu o júnior João Ribeiro, que andou na liderança, sofrer algumas quedas e a debater-se com problemas mecânicos ao longo da prova, terminando no quarto posto. Por seu lado, José Miranda, com alguns problemas físicos devido a uma queda nos treinos, fez uma prova limitada, acabando no décimo lugar. O veterano Benjamim Silva, no decorrer da prova, também teve problemas e terminou no 13º posto. Nas categorias mais novas, os pupilos do CRC estiveram ao seu nível, destacando-se a quarta posição do infantil Nelson Ribeiro. Na classificação geral o CRC terminou em 11º lugar.


sport: 2 de Abril de 2008 35

modalidades

FAC perdeu em S. João da Madeira por 5-4

Pedome goleou na AFSA

Divisão de pontos seria mais justa

II Divisão

Carlos Silva, treinador do FAC

Com esta derrota, o FAC atrasa-se em relação aos primeiros classificados mas mesmo assim pode dizer-se que o campeonato para esta temporada já está feito, uma vez que a manutenção neste escalão era o objectivo para esta época. Sob arbitragem de Manuel Fernandes e António Santos, no Pavilhão da Sanjoanense, a

José Clemente

Riba d’Ave vence Marco por 5-1

Feira, 4; Juv. Pacense, 3 HC Turquel, 7; Pasteleira, 1 Folga-Lavra Marinhense, 1; Nortecoope, 2 RIBA D AVE, 5; Marco,B.1Sucesso, 1; Carvalhos, 5 No Parque das Tílias, o Riba d’Ave reSanjoanense, 5; FAC,Tomar, 4 3; Limianos, 3

cebeu no passado sábado o Hóquei CLAS SI FI CA ˙ˆO J V E D F C P Clube do Marco e venceu com al1. Carvalhos 22 15 2 5 100 65 47 2. Nortecoope 22 13 3 6 97 66 42 guma naturalidade por cinco a um, 3. Feira 21 13 3 5 79 62 42 resultado que deixa a equipa de Tó 4. Tomar 22 12 4 6 97 70 40 Luís mais à vontade na tabela clas5. HC Turquel 20 11 5 4 86 66 38 sificativa. 6. FAC 21 11 3 7 78 57 36 Poderemos dizer que o Riba 7. RIBA D AVE 21 12 0 9 85 74 36 8. Limianos 22 9 6 7 69 69 33 d’Ave até nem entrou bem nesta 9. Sanjoanense 21 10 2 9 77 77 32 partida porque logo nos primeiros 10. Lavra 21 9 1 11 63 64 28 minutos a formação de Marco de 11. Marco 22 7 3 12 64 82 24 Canavezes colocava-se em vanta12. Juv. Pacense21 6 5 10 76 81 23 gem no marcador. A partir daqui os 13. Bom Sucesso 21 7 2 12 63 79 23 ribadavenses acordaram para o jogo 14. Marinhense 21 3 3 15 43 73 12 15. Pasteleira 22 0 2 20 40 132 2 e chegariam ao empate. Depois coLavra - Juv. Pacense Nortecoope - HC Turquellocou-se pela primeira vez em vanMarco - Folga Carvalhos - Marinhense FAC - RIBA D AVE Limianos - Bom Sucessotagem no marcador, resultado com que se atingiu o intervalo. Pasteleira - Sanjoanense Tomar - Feira PR XI MA

equipa da casa alinhou com: Vítor Pereira, João Oliveira, Duarte Resende (1), Carlos Pinho e José Celestino (4). Quanto ao FAC jogou com: Rafael Pereira, Mauro Lima, Nuno Alves (1), Tiago Barbosa (2), André Barbosa (1). Jogaram ainda: Ricardo Pinto e Miguel Soares.

Para a segunda parte, os locais sem terem de acelerar muito construíram um resultado dilatado de cinco golos contra um do HC Marco. Realce nesta partida para o regresso de Arnaldo Queirós que tinha abandonado o clube no início da segunda volta e que agora regressou ao clube, constituindo assim para que Tó Luís fique com mais opções de escolha no seu plantel. Esta foi mais uma vitória importante para os comandados de Tó Luís que assim também já conseguiram os seus objectivos que para esta temporada eram apenas e só a manutenção. Com esta vitória asseguraram desde já esses objectivos.

Fim-de-semana sem vitórias A 21ª jornada do campeonato nacional da 3ª divisão de futsal não originou qualquer triunfo para as equipas famalicenses. A melhor prestação foi conseguida pela ARCA que ainda assim não foi além de um empate a duas bolas no pavilhão do Monte Pedras. No terreno do actual segundo classificado, o conjunto de S. Tiago de Antas conseguiu somar mais um ponto. Quem continua sem somar pontos é o S. Mateus que voltou a perder, desta feita no Pavilhão Municipal de Delães FUTSAL III Divisão Santa Luzia, 5; Merelinense, 8 Sapiªos-Sangemil frente à Casa do Benfica de CB Paredes, 4; Nogueir , S. MATEUS, 3; CB Barcelos, Barcelos por 5-3. Assim, a Monte Pedras, 2; ARCA, 2 5 equipa mantém-se no penúlAraucaria, 2; Acad. Le a, 2 timo lugar da tabela classifi- CLAS SI FI CA ˙ˆO J V E D F C P cativa com 14 pontos con- Habinordeste, 7; Leıes Lapa, 3 1. Nogueir 21 12 4 5 90 60 40 quistados. A liderança do campeo- 2. Monte Pedras21 11 6 4 93 73 39 Acad. Le a 20 10 4 6 78 61 34 nato pertence ao Nogueiró, 3. 4. Araucaria 20 9 7 4 83 72 34 que venceu a Casa do Benfica 5. CB Barcelos 20 11 1 8 84 80 34 de Paredes por 8-4, e tem um 6. ARCA 21 10 3 8 91 78 33 ponto de vantagem sobre o 7. Merelinense 19 10 3 6 82 74 33 segundo classificado e seis 8. CB Paredes 21 10 1 10 108 102 31 9. Habinordeste21 9 3 9 65 63 30 sobre a Académica de Leça, 10. Sangemil 19 9 3 7 81 83 30 terceira classificada. Os bra- 11. Leıes Lapa 20 7 2 11 84 90 23 carenses aproveitaram da me- 12. Santa Luzia 21 6 0 15 106 131 18 lhor forma o deslize do Monte 13. SˆO MATEUS 20 4 2 14 45 74 14 14. Sapiªos 14 Acad. Le a - SˆO MATEUS Pedras para conseguirem al1 1 12 Sangemil - Araucaria guma margem de vantagem 54 103 4 Nogueir - Sapiªos na frente da classificação. CB Barcelos - Merelinense RE SUL TA DOS

RE SUL TA DOS

HOQUEI EM PATINS

Bairrense 1-4 Académico; Covense 3-5 Barrimau; Flor Monte 1-7 Landim; 1º Maio 6-2 Outeirense; Castelões 9-2 Requionense. O comandante é o Castelões com 58 pontos, seguido da JASP com 54 e o último continua a ser o Pedome com apenas três pontos. No campeonato feminino jogou-se a jornada sete. Resultados: Landim 2-1 Outeirense; Santa Maria 5-3Joane; Juventude Académico 3-0 Covense. Comandam Outeirense e Santa Maria, ambos com 15 pontos e os últimos são Académico e Covense, ambos com três pontos. No próximo sábado iniciase a poule de acesso à 1ª divisão e na primeira jornada jogam-se: Vermoim-Gavião, ACURA-Requionense e BenteADESPO. Já na Taça da AFSA na 2ª divisão estão marcados os jogos: Bairrense-1º Maio, Lousado-Louredo, BarrimauFlor Monte, S. Cosme-Telhado e Montinho-Cabeçudense.

PR XI MA

O FAC não foi feliz na sua deslocação a São João da Madeira, perdendo por cinco bolas a quatro, numa partida em que o equilíbrio foi a nota dominante e também a incerteza que pairou nos presentes quanto ao desfecho final. Os famalicenses entraram muito melhor no jogo e aos 12 minutos já Tiago Barbosa colocava a sua equipa em vantagem no marcador. A equipa visitante ainda aguentou até aos 22 minutos a pressão dos donos do terreno só que em três minutos a Sanjoanense marcaria três golos e colocava-se à frente do marcador por três bolas a uma, resultado com que se atingiu o intervalo. Para a segunda parte, o FAC entrou com tudo e aos quatro minutos Nuno Alves voltava a dar mais cor ao jogo, reduzindo para a margem mínima para passados dois minutos André Barbosa restabelecer a igualdade. Foi mesmo uma entrada em grande da formação famalicense para a segunda parte, só que não ficaria por aqui. Aos 13 minutos Tiago Barbosa daria a reviravolta no marcador ao colocar a sua equipa em vantagem. Pensou-se que com esta vantagem estava encontrado o vencedor. Puro engano já que a Sanjoanense ainda teve forças para em dois minutos se colocar na frente do marcador e conquistar os três pontos em disputa.

Nos campeonatos concelhios de futebol de salão amador (AFSA) realizou-se no passado fim-de-semana a 17ª jornada e na primeira divisão os resultados foram os seguintes: Floresta 3-0 Carreira; JASP 2-3 Covense; MAL 5-3 Landim; Novais 5-4 Carril; Castelões 20 Outeirense; Arnoso Santa Eulália 3-2 Lameiras; Pedome 8-0 São Martinho. Comanda o Pedome com 44 pontos, seguido do MAL com 36 e o último classificado é a Carreira com 12 pontos. No escalão de juvenis realizou-se a primeira mão das meias-finais com os seguintes resultados: Lameiras 8-4 Landim; São Martinho 8-2 Carreira. A segunda mão das meias-finais realiza-se a 5 e 6 de Abril, ficando a conhecerse os finalistas da taça no escalão de juvenis. Em iniciados, a jornada foi a 21ª, registando-se os seguintes resultados: Lameiras 3-9 Joane; JASP 16-3 Bente;

8


36

sport: 2 de Abril de 2008

modalidades

Voleibol sénior do FAC marca presença na próxima fase A equipa de voleibol sénior masculino do FAC qualificou-se para a fase seguinte do campeonato nacional da terceira divisão, após ter averbado, no passado fim-de-semana, uma vitória em Seia frente ao SENA, actual segundo classificado, por 1-3 com os parciais de 19/25, 25/16, 19/25 e 20/25. O FAC entrou muito forte no jogo, cedendo apenas um set. Com esta vitória, a formação famalicense consolidou a liderança e pode preparar já a próxima fase do campeonato com alguma tranquilidade. Na fase seguinte decidir-se-á a subida à segunda divisão.

Associação de Ciclismo de Pousada apresentou a equipa que vai competir esta temporada

“Evoluímos muito em apenas um ano”

Jorge Santos vence veteranos em badminton A representação do FAC no torneio de veteranos, em badminton, que decorreu em Leiria, foi reduzida. No entanto, o grande vencedor da competição foi mais uma vez o famalicense Jorge Santos. O atleta venceu em singulares e pares homens, tendo che-

gado ainda à final em pares mistos juntamente com Maria Machado, na categoria A. Destaque também para esta jogadora que foi finalista em pares mistos nas categorias A e B e para Rui Gomes que foi finalista em pares homens.

Equipas jovens do hóquei patins só somaram vitórias

Nas equipas jovens de hóquei patins, o FAC venceu em todas as frentes. Os iniciados receberam e golearam o Fão por 10-2. Os infantis continuam invictos na Taça do Minho e na última partida venceram o Fão por 2-1 enquanto os escolares venceram por 2-0 o Hóquei do Fão. Entretanto, três atletas do Famalicense Atlético Clube, Diogo Fernandes (iniciados), Miguel Freitas (infantis) e Bruno Costa (infantis), foram convocados para o estágio da Federação Portuguesa de Patinagem para a "Selecção de Talentos 2008". O evento conta com a colaboração da Associação de Patinagem do Minho e realiza-se esta quarta-feira no Pavilhão de Barcelos.

Joana Fernandes garante título em ténis mesa Joana Fernandes, atleta hexacampeã de ténis de mesa, que compete pela equipa da Associação Desportiva Recreativa Outeirense (ADRO), foi a vencedora do Campeonato Distrital de Ténis de Mesa. A prova realizou-se em Vila Seca, Barcelos, no Pavilhão da EB 2,3 Abel Varzim nos dias 15, 22 e 29 de Março. No segundo lugar ficou outra atleta famalicense, Sara Carvalho do CP Ribeirão. A classificação final ficou ordenada da seguinte forma: 1º Joana Fernandes (Outeirense); 2º Sara Carvalho (CP Ribeirão); 3º Marta Henriques (GB Misericórdia); 4º Camila Costa (GB Misericórdia); 5º Eliana Boas (CP Alvito).

Joana Fernandes

Equipa de ciclismo está pronta para atacar a nova temporada

Carla Alexandra Soares A Associação de Ciclismo de Pousada de Saramagos já apresentou a sua equipa que vai competir esta temporada. Criada há apenas um ano, esta associação, que inclui também a Escola de Ciclismo Carlos Carvalho, conta já com 16 atletas de várias idades. Aliás, a colectividade está mesmo representada em todos os escalões de formação desde os iniciados aos juniores. Apesar da grande evolução que a associação conheceu em apenas um ano, o seu presidente queixa-se da falta de verbas para a participação nas provas nacionais. “Isto envolve muito dinheiro e andamos sempre a mendigar. A Junta de Freguesia e a Câmara Municipal temnos ajudado dentro do possível. Os 400 ou 500 euros que recebemos não dão nem para 10% do combustível que gastamos numa época”, refere Lourenço Oliveira que adianta ainda que só os equipamentos para esta temporada custaram 4 mil euros. Apesar das dificuldades financeiras, o responsável é peremptório e diz acreditar nos atletas e no alcance de marcas desportivas a médio prazo. Aposta na formação Para já o grande objectivo é mesmo a formação de jovens no ciclismo de estrada. O director desportivo salienta isso mesmo referindo que a Escola de Ciclismo Carlos Carvalho recebe jovens, desde muito novos, que gostem da modalidade. Filipe Carvalho reconhece que os mais novos dão-lhe muitas dores de cabeça, pela paciência necessária. Para evoluírem a escola empresta-lhes uma bicicleta. “Assim, os pais vão vendo se eles se interessam de facto pelo ciclismo. Se esse for o caso, então os pais apostam numa bicicleta com mais qualidade”. Na escola, sob o comando de Filipe Carvalho, os atletas aprendem a dominar a bicicleta, a meter as mudanças e a travar correctamente e fazem provas de destreza com obstáculos. “Sou daqueles que digo que com treino, trabalho e dedicação tudo se alcança. Acho que os meus atletas também podem con-

seguir alguma coisa”, refere o director desportivo retirando toda a pressão aos seus ciclistas lembrando que estão em início de carreira. Na escola, o OPINIÃO SPORT encontrou o Fernando de 11 anos que já pratica ciclismo. Apesar de ainda não ter participado em nenhuma prova oficial, diz estar confiante que isso vá acontecer. “Desde muito novo que gosto de andar de bicicleta. Comecei a gostar de andar na estrada, depois vi esta escola e ex-

perimentei e gostei. Mal saio da escola venho para aqui”. Fernando fez ainda questão de referir que o desporto que mais gosta não é o futebol mas sim o ciclismo. Na agenda da Associação de Ciclismo de Pousada de Saramagos está a participação em praticamente todas as provas nacionais existentes (Minho, Aveiro, Vila Real e os nacionais). Seis atletas estão também a preparar-se para participar na Volta a Portugal de Juniores que deverá decorrer no mês de Junho.

Escola para homenagear Carlos Carvalho

Lourenço Oliveira e António Sousa

Filipe Carvalho nasceu e cresceu no meio das bicicletas e desde muito novo que sabe o que significa praticar ciclismo, não fosse ele filho do lendário Carlos Carvalho. Em 1959, este pousadense venceu a Volta a Portugal em Bicicleta e o filho, anos mais tarde, pretende levar o nome do pai o mais longe possível. “Acho que ele merece, tendo sido ele o único famalicense a ganhar uma volta”. Apesar de actualmente se dedicar ao ensino da modalidade, Filipe Carvalho diz que aprendeu com o seu pai tudo o que sabe e, que à conta disso, também ele já venceu o campeonato nacional de ciclismo. “Ao contrário do que acontece com alguns nunca fui medalhado por isso”, desabafa o director desportivo que faz questão de referir que a associação nasceu como uma homenagem ao grande ciclista que foi Carlos Carvalho. Mas já outros ciclistas conhecidos a nível nacional passaram pelas mãos de Filipe Carvalho. Exemplo disso é Tiago Machado (atleta da selecção nacional) que, com 14 anos, começou a aprender consigo as técnicas e os truques do ciclismo. “Nessa altura era torto a andar de bicicleta. Parecia um pepino em cima duma bicicleta e hoje em dia é um campeão. Mas trabalhou para isso e, ainda hoje, não tem aquela quedazinha para a bicicleta. Mas destacou-se e está numa boa equipa a ganhar bem e aprendeu tudo aqui”, diz com orgulho Filipe Carvalho.


sport: 2 de Abril de 2008 37

modalidades

Indoor Karting Famalicão lançou novo troféu para pilotos do grupo A

Campeonato de empresas começou muito disputado A Team Mabar, com Miguel Barbosa, Pedro Matos, André Azevedo e Nuno Campos, foi a grande vencedora da primeira das seis provas de resistência que compõem o Troféu “Ponto de Encontro Empresas”, em karting. O novo desafio desportivo lançado pelo Indoor Karting Famalicão arrancou no passado dia 27 de Março e conta com a participação de 12 equipas do grupo A, onde estão os pilotos mais rápidos do circuito, como Paulo Marques, José Janela, Paulo Machado Ruivo, Isak Pinto, Neves de Carvalho e João Ruivo, entre outros. A equipa da Bricoonda liderou a prova até à ocorrência de alguns incidentes (penalizações e o kart que se desligou) que colocaram a equipa no 5.º lugar da geral. Os pilotos revelaram um andamento muito elevado, posicionando-se desde já como uma séria candidata ao pódio final. Para além da pole position, a equipa de Paulo Machado Ruivo, Paulo Marques, Carlos Lemos e Valete obteve a volta mais rápida em corrida e atingiu um novo recorde da pista. Os treinos cronometrados duraram 15 minutos e foram disputados intensamente pelos pilotos, em busca da melhor posição na grelha de partida. Carlos Lemos da Bricoonda fez a melhor volta dos treinos cronometrados. As equipas Team Ma-

Com uma comitiva composta de 70 jogadores, treinadores e dirigentes, a Associação Teatro Construção de Joane (ATC) participou no passado dia 21 de Março no Torneio Internacional Vilagarcia Basket Cup, em Espanha. Para além dos jogos realizados, o dia foi preenchido com actividades lúdicas e animação desportiva, terminando com a presença no encontro de basquetebol entre Barcelona e Real Madrid. O convívio e a festa marcaram a presença da ATC neste prestigiado torneio, sendo no final visível a alegria de todos os jovens que participaram nesta actividade. Depois de terminada a festa do basquetebol juvenil, que proporcionou aos participantes, entre os quais se encontravam oito jovens da ATC, cinco dias de intensa competição, mas também de festa e convívio, regressa no próximo fim-de-semana a Taça do Minho de Basquetebol, desta feita com a realização da 5.ª jornada. Os jogos serão os seguintes: ATC B-Juventude G. (iniciados masculinos, sábado, 14h45, Piscinas Joane); GDAS-ATC (cadetes, sábado, 14h45, Braga); BC CouraATC (juniores B, sábado, 10h00, Paredes Coura); EDV B-ATC (iniciados femininos, domingo, 10h30, Viana); GDAS-ATC A (iniciados masculinos, sábado, 16h30, Braga); BC Barcelos A-ATC A (iniciados masculinos, domingo, 16h30, Barcelos); ATC-BC Valença (cadetes, domingo, 10h30, Joane).

Andreia Silva e Márcia Pereira campeãs regionais Equipa da Bricoonda chegou a liderar a prova

bar e Team Famalicão ocuparam os 2º e 3º lugares da grelha de partida. Dada a bandeirada para início da corrida, onde não houve lugar a falsas partidas, as primeiras voltas foram alucinantes, em fila extensa, curva contra curva, travagens no limite, quase sem toques entre os karts. As trocas de pilotos sucederam-se de 15 em 15 minutos e as estratégias das trocas e a rapidez com que cada equipa as fazia revelaram uma boa preparação prévia da grande maioria das equipas. Pelos pilotos presentes e pela forma como decorreu esta primeira prova, ficou já claro

que o troféu será intensamente disputado até ao final e que vários recordes vão cair. A próxima prova volta a ter uma duração de duas horas e disputa-se no dia 29 de Maio pelas 20 horas. Classificação: 1º Mabar (Miguel Barbosa, Pedro Matos, André Azevedo e Nuno Campos); 2º São Carlos Imobiliária (Neves de Carvalho, Mariana Carvalho, Filipe Martins e Jorge Ribeiro); 3º Avetel (António Peixoto, João Peixoto, João Ruivo e KiKi Ruivo); 4º Team Famalicão (José Janela, André Cortinhas, Isak Pinto e Pedro Teixeira); 5º Bricoonda (P. Machado Ruivo, Paulo Marques, Carlos Lemos e Valete).

Natação famalicense soma 17 medalhas nos nacionais

GDNF destaca-se em Coimbra O Grupo Desportivo de Natação de Famalicão (GDNF) foi das equipas que esteve em maior destaque nos Campeonatos Nacionais de Juniores e Seniores realizados em Coimbra no passado fim-desemana, com a conquista de seis títulos de campeão nacional, oito títulos de vice-campeão e três terceiros lugares, totalizando 17 medalhas obtidas. Ao nível individual, o nadador Mário Costa obteve os mínimos para os Campeonatos da Europa de Juniores a realizar em Belgrado, na Sérvia, e Jorge Maia

ATC participou na Vilagarcia Basket Cup 2008

obteve o apuramento para os Campeonatos do Mundo de Seniores que irá decorrer em Manchester, Inglaterra, no mês de Abril. Para o Meeting de Bruxelas, na Bélgica, ficaram apurados: Luís Vaz, Mário Costa e Rita Ferreira, com a prova a realizar-se também no mês de Abril. Mário Costa e Jorge Maia também alcançaram tempos mínimos de acesso ao Estatuto de Alta Competição. Os atletas que se sagraram campeões nacionais foram: Jorge Maia, nos 200 metros Li-

Equipa de natação famalicense somou 17 medalhas

vres, Mário Costa, nos 200 metros Mariposa, Luís Vaz, nos 100 metros Livres, Rita Ferreira, nos 100 e 200 metros Livres, e os atletas Luís Vaz, José Silva, Mário Costa e Marco Machado nos 4x200 metros Livres. Pedro Faia, técnico famalicense, realçou o crescimento exponencial que a natação de Famalicão registou. “Se reflectirmos que há 14 anos não havia natação de competição em Famalicão e hoje somos uma equipa referência no panorama da natação nacional, com mais uma série de novas internacionalizações a acontecer já no próximo mês de Abril, só podemos estar satisfeitos e dar os parabéns aos extraordinários nadadores que temos no nosso quadro competitivo. Estamos satisfeitos e somos ambiciosos pelo que tudo iremos fazer para lutar por uma presença nos próximos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008”. O GDNF fez-se representar por 13 atletas, nomeadamente: João Araújo, Paulo Araújo, Jorge Maia, Diogo Carneiro, Mário Costa, João Ferreira, Luís Vaz, Marco Machado, José Silva, Rita Ferreira, Marta Jordão, Helena Gomes e Ana Oliveira.

Realizou-se no passado fim-desemana, no Pavilhão Multiusos de Baião, o Campeonato Regional Norte de Karaté nas categorias de pré-infantis até juvenis. O evento contou com 830 competidores e 35 agentes de arbitragem. Os clubes famalicenses competiram com dez atletas, um árbitro e um oficial de mesa, destacando-se as participações de Andreia Silva e Márcia Pereira que se sagraram campeãs regionais. Da Associação Desportiva de S. Mateus, Márcia Pereira foi a primeira classificada e campeã regional na prova de kumite iniciados femininos até 45 kg e competiu ainda na prova de kata. Ricardo Oliveira ficou em segundo lugar e sagrou-se vice-campeão regional na prova de kumite iniciados masculinos, até 50 kg e competiu ainda na prova de kata. João Miranda participou na prova de kata pré-infantil.

Quanto à Escola de Karaté de Delães, Cristina Monteiro foi 5ª classificada na prova de kata infantil femininos e Miguel Dinis quedou-se pela segunda posição, sagrando-se vice-campeão regional na prova de kumite -55 kg iniciados masculinos. Stephanie Paiva foi 2ª classificada e vicecampeã regional nas provas de kata e kumite -50 kg juvenis femininos. Andreia Silva sagrou-se 1ª classificada e campeã regional na prova de kumite juvenis femininos -50 kg. Competiram ainda da Escola de Delães: Hugo Pinto, Daniel Rocha e João Batista. Apurados para o campeonato nacional a realizar nos dias 19 e 20 de Abril em Almada ficaram: Márcia Pereira, Ricardo Oliveira, Cristina Monteiro, João Batista, Miguel Dinis, Andreia Silva e Stephanie Paiva. Renato Monteiro e António Oliveira participaram na arbitragem.

Bairrense elegeu novos corpos sociais

No passado dia 28 de Março foram eleitos os novos corpos sociais da União Desportiva Bairrense para o biénio 2008/2010. Os pontos que faziam parte da ordem de trabalhos foram todos aprovados por unanimidade, entre eles a aprovação do relatório de contas do ano de 2007, o plano de actividades e orçamento para o ano de 2008 e a eleição dos novos corpos sociais da colectividade. Os elementos eleitos para a nova direcção foram César Oliveira (presidente), Filipe Cruz (vice-presidente), Pedro Silva e Fernando Cruz (secretários), Nuno Tinoco (tesoureiro) e José Ruy (vogal). A mesa da assembleia ficou composta por Alberto Azevedo (presidente), Fernando Leite (1º secretário) e Camilo Leite (2º secretário). No Conselho Fiscal, Pedro Pires assumiu a presidência, acompanhado por Elisabete Brito e Juliana Macedo como secretárias. No ponto da discussão de outros assuntos de interesse para a colectividade, de realçar o voto de louvor proposto pela nova direcção a três associados pelos excelentes serviços prestados à colectividade, voto esse que foi aprovado unanimemente e com aclamação da assembleia.


38

sport: 2 de Abril de 2008

motores

Nova promessa do motociclismo famalicense

Sérgio Batista quer apuramento para o mundial Marta Isabel Marques O piloto Sérgio Batista deu-se a conhecer na passada quintafeira aos famalicenses, numa apresentação que decorreu nas instalações da Padock Competições, em Famalicão. O jovem de 16 anos vai tentar a sua sorte no apuramento para o mundial de motociclismo, contando com o apoio da equipa de Adélio Machado e da Câmara Municipal de Famalicão. Com mota desde de tenra idade, o piloto sabe que este é um passo que exige uma grande responsabilidade, mas afirma estar confiante numa boa qualificação. Aos comandos de uma Honda 600, cedida pelo famalicense Paulo Marques, Sérgio sabe que terá duras dificuldades. “Vão ser momentos difíceis mas vou dar o meu melhor”, diz. Com dificuldades na parte dos treinos, uma vez que as pistas para esta modalidade são poucas, Sérgio está a poucos dias da primeira prova que será nacional. “Tenho apenas treinado na Playstation o que é bastante diferente. O Autódromo do Estoril está sempre ocupado e em Braga a pista está em obras, por isso talvez só esta semana esteja pronta, mas mesmo as-

Adélio Machado com Sérgio Batista e a sua Honda 600

sim terei poucos dias de treino em pista”, revelou o piloto. Quem resolveu dar um grande empurrão a Sérgio Batista foi Adélio Machado, da Padock Competições, oferecendo

apoio logístico para levar o nome de Famalicão cada vez mais longe. “Já conhecia o Sérgio e sei que é um jovem cheio de talento, tem tudo para ser um campeão e no que depen-

der de mim será”. Quanto ao porquê de apoiar este jovem talento das duas rodas, Adélio acrescentou que sabe “o que custa andar sem patrocínios e em termos de apoio logístico o

Sérgio pode contar com a Padock Competições”. Aliás, “temos vindo a dar o nosso apoio, dentro daquilo que nos é possível a três miúdos no karting, que são três grandes valores da modalidade, e a Padock continuará a apoiar estas promessas famalicenses do desporto motorizado”. Da parte da Câmara Municipal de Famalicão esteve presente na cerimónia o vereador do desporto, Jorge Paulo Oliveira, que tem também acompanhado a evolução de Sérgio Batista. “Tenho mantido contacto com a família do Sérgio e sei que temos aqui um grande valor e por isso desejo-lhe toda a sorte para conseguir atingir os seus objectivos”. Quanto à falta de apoios por parte do município neste tipo de competições, o vereador frisou que “a Câmara de Famalicão apoiará sim o Sérgio no apuramento para o mundial porque se trata de uma prova de cariz internacional e é dessa forma que nós temos apoiado todos os pilotos”, dando como exemplo Paulo Marques. Jorge Paulo acrescentou que no caso do Marquês apenas foi dado “apoio financeiro quando o Paulo participou em provas internacionais”.


sport: 2 de Abril de 2008 39

lazer Carneiro

21/03 a 20/04

Balança

24/09 a 23/10

Número da Sorte: 7

Número da Sorte: 55

Carta Dominante: Carro, que significa Sucesso. Amor: Sentir-se-á um pouco apático. Saúde: O seu descontentamento com a sua silhueta levá-lo-á a pensar, seriamente, em fazer uma dieta. Dinheiro: É importante que faça uma análise exaustiva onde destaque os seus últimos investimentos. Números da Semana: 15, 20, 24, 36, 45, 49

Carta Dominante: 5 de Espadas, que significa Avareza. Amor: Andará um pouco frio e distante. Saúde: A vitalidade tomará conta de si. Aproveite para se inscrever numa modalidade desportiva. Dinheiro: O seu poder de iniciativa vai ser notado pelo seu superior hierárquico. Números da Semana: 04, 09, 15, 19, 36, 48

Touro

21/04 a 21/05

Escorpião

24/10 a 22/11

Número da Sorte: 36

Número da Sorte: 29

Carta Dominante: Rei de Paus, que significa Força, Coragem e Justiça. Amor: Alimentar paixões antigas só vai fazer com que se sinta nostálgico. Saúde: O seu organismo pode estar demasiado frágil e cansado. Dinheiro: Tenha atenção ao seu trabalho, pois é possível que alguém procure desfazer algo. Números da Semana: 01, 04, 13, 24, 28, 29

Carta Dominante: 7 de Paus, que significa Discussão, Negociação Difícil. Amor: Poderá voltar a sentir-se apaixonado. Saúde: A sua família poderá requisitar tanto a sua presença que irá sentir-se esgotado e sem energia. Dinheiro: Período muito favorecido no que diz respeito a jogos de sorte e azar. Números da Semana: 25, 31, 32, 39, 42, 43

Gémeos

22/05 a 21/06

Sagitário

23/11 a 22/12

Número da Sorte: 29

Número da Sorte: 28

Carta Dominante: 3 de Copas, que significa Conclusão. Amor: Alguns contratempos podem pôr em causa o seu relacionamento amoroso. Saúde: É possível que tenha alguns problemas circulatórios. Dinheiro: Esteja consciente das suas capacidades. Números da Semana: 05, 09, 17, 20, 39, 49

Carta Dominante: 6 de Paus, que significa Ganho. Amor: Não crie barreiras entre si e um amigo muito querido. Saúde: Lembre-se que o sol pode ser prejudicial. Dinheiro: Um colega de trabalho pode dificultar-lhe a vida ao falar com o seu chefe. Números da Semana: 05, 06, 18, 22, 31, 34

Caranguejo

22/06 a 22/07

Capricórnio 23/12 a 20/01

Número da Sorte: 47

Número da Sorte: 62

Carta Dominante: Valete de Copas, que significa Lealdade, Reflexão. Amor: Um acontecimento inesperado fará com que se sinta muito querido e desejado pelos seus amigos. Saúde: Seja mais consciencioso e não coma em demasia. Dinheiro: Durante este período poderá andar mais nervoso do que o habitual. Números da Semana: 10, 20, 24, 27, 29, 36

Ca rta D om in ante: Caval ei ro d e Esp a d a s , q u e s i g n i f i c a G u e r re i ro , Cu i d a d o. A m o r: P ro c u re e n t e n d e r o s a c t o s d a su a ca ra- m eta de. Saú de: Ev ite co m er ali m entos dem a s ia d o p e s a d o s . Dinheiro: Período favorável a iniciar um curso de formação profissional. N úm ero s da Sema na: 08, 19, 22, 2 6 , 31, 3 9

Leão

23/07 a 23/08

Aquário

21/01 a 19/02

Número da Sorte: 69

Número da Sorte: 22

Carta Dominante: 5 de Ouros, que significa Perda/ Falha. Amor: Não se iniba de demonstrar o tamanho do seu amor. Saúde: Concentre a sua atenção e energia na cura de um desagradável problema de saúde. Dinheiro: Vai fazer com que tenha de fazer uma escolha difícil. Números da Semana: 5, 15, 26, 29, 38, 39

Carta Dominante: O Louco, que significa Excentricidade. Amor: Tenha cuidado para não magoar o seu par. Saúde: Tendência para a depressão. Dinheiro: Poderá ter dificuldade em fazer-se ouvir numa importante reunião de negócios. Não desista perante as dificuldades. Números da Semana: 07, 22, 23, 28, 33, 39

Virgem

24/08 a 23/09

Peixes

20/02 a 20/03

Número da Sorte: 3

Número da Sorte: 24

Carta Dominante: A Imperatriz, que significa Realização. Amor: Passará momentos muito felizes junto da sua família. Saúde: É possível que uma imperceptível corrente de ar lhe provoque uma forte constipação. Dinheiro: É possível que receba um convite de uma importante empresa. Números da Semana: 18, 19, 17, 19, 26, 38

Carta Dominante: 2 de Paus, que significa Perda de Oportunidades Amor: Um amigo muito querido pode precisar da sua ajuda. Saúde: Poderá notar algum cansaço fora do vulgar. Tire alguns dias para descansar. Dinheiro: Período muito favorável no sector financeiro. Invista nesta área. Números da Semana: 08, 09, 20, 24, 26, 33

Cinema U2 3D “U2 3D” traz os espectadores para o centro da energia vibrante de um concerto ao vivo, num estádio, dos U2. Ao aliar imagens digitais inovadoras em 3D e som surround, cria uma experiência cine-musical que imerge como nenhum 3D ou filme anterior. Filmado na América do Sul durante a digressão “Vertigo”, “U2 3D” dá continuidade à utilização da tecnologia por parte da banda para criar experiências multi-sensoriais excepcionais. O filme, realizado principalmente pela artista irlandesa Catherine Owens, ambiciona também capturar a relação entre os membros da banda e a resposta ressonante dos seus fãs. Sendo a primeira produção digital 3D, multi-câmara em tempo real, o filme dá-nos mais de 100 horas de imagens com a maior colecção de câmaras com tecnologia 3D alguma vez utilizada num único projecto.

Música Erykah Badu - New Amerykah Part One Este é o primeiro álbum de Erykah Badu de há sete anos. Dois álbuns e um LP fazem dela uma das cantoras mais "amadas" e esperadas dos últimos anos. O primeiro single de "New Amerycah Part One" é "Honey", tema produzido por 9th Wonder, muito old school com muito funk. Celebrando o 10.º aniversário de carreira, Erykah sempre se rodeou dos mais talentosos e emergentes produtores de hip-hop. Neste disco agora editado, conta com a ajuda de Madlib, Mike 'Chav' Chavarria e Bilal. Está prevista uma "Part Two" ainda este ano.

Livro “Rosa Vermelha em Quarto Escuro”, de Pedro Paixão Não sabemos o nome da heroína de “Rosa Vermelha em Quarto Escuro”, mas conhecemos os meandros mais recônditos do seu pensamento, as suas emoções mais íntimas ou ínfimas, e os seus medos. Ela é uma mulher nova-iorquina à procura de si própria e do sentido da existência. O seu percurso configura

vários ritos de passagem: a paixão avassaladora que vive com Aysha, a tentativa de suicídio, a travessia do Atlântico em busca da amante e o encontro com um velho escultor, vítima e sobrevivente do Holocausto. Uma prosa poética, encantatória e reveladora.

Telefones úteis

Farmácias de serviço e reforço Famalicão Barbosa: Rua Santo António, Tel. 252 311 265 Calendário: Rua da Liberdade, Tel. 252 378 400/1 Cameira: C. Mouzinho Albuquerque, Tel. 252 323 819 Central: Praça D. Maria II, Tel. 252 323 214 Nogueira: Av. Marechal H. Delgado, Tel. 252 310 607 Valongo: Rua Adriano Pinto Basto, Tel. 252 323 294

Vale do Ave Almeida e Sousa: Covas - Oliv. Stª Maria - Telf. 252 931 365 Bairro: Av. Silva Pereira, Telf. 252 932 678 Faria: Estrada Nacional 310 - Serzedelo - Telf. 252 532 346 Delães: Portela - Delães - Telf. 252 931 216 Riba de Ave: Av. Narciso Ferreira, Telf. 252 982 124

Serviço de disponibilidade Gavião - Ed.S. Vicente - Picoto - Telef. 252 317 301 Paula Reis: R. José Elisio Gonçalves Cerejeira, nº 629 Calendário - Tel. 252 378 057

Concelho Estação: Largo da Estação - Nine - Telf. 252 961 118 Maceiras: Louro - Telf. 252 310 425 Marinho: Edif. S. José - Estalagem - Telf. 252 921 182 Marques: Largo da Igreja - Fradelos - Telf. 252 458 440 Martins Ventura: R. C. Cerejeira - Lousado - Telf. 252 493 142 Oliveira Monteiro: Largo Igreja - Cabeçudos - Telf. 252 331 885 Pedome: Av. S. Pedro, 1139 - Pedome - Telf. 252 900 930 Pratinha: Largo do Cruzeiro - Cavalões - Telf. 252 375 423 Ribeirão: Largo de Bragadela - Ribeirão - Telf. 252 416 482 Santiago da Cruz: Vale S. Cosme - Telf. 252 911 123 Arnoso: Av. Joaq. Azevedo - Arnoso Sta. Maria - Telf. 252 916 612

Abril Quarta, 2 Quinta, 3 Sexta, 4 Sábado, 5 Domingo, 6 Segunda, 7 Terça, 8

Se r viço Nogueira Valongo Barbosa Cameira Central Calendário Nogueira

Quarta, 2 Quinta, 3 Sexta, 4 Sábado, 5 Domingo, 6 Segunda, 7 Terça, 8

Delães Riba D’Ave Ribeirão Almeida e Sousa Bairro Delães Riba D’Ave

R ef o r ç o Valongo Barbosa Cameira Central Calendário

Horários 9h às 20h30 - Dom. e feriados - 10h às 12h30 8h30 às 20h - Sábados: 8h30 às 19h Horários 9h às 13h - 14h às 21h/ Sáb. 9h às 13h - 15h às 19h/ Dom. e fer. 10h às 12h 9h às 20h - Sáb. 9h às 19h 9h às 21h - Sáb. 9h às 20h30 - Dom. 10h às 12h 9h às 21h - Sáb. e Dom. 9h às 20h 9h às 21h - Sáb. das 9h às 20h - Dom. 9h30 às 13h 9h às 20h - Sáb. 9h às 17h30 9h às 20h - Sáb. 9h às 19h 9h às 20h - Sáb. e Dom. das 9h às 19h 9h às 20h - Sáb. 9h às 13h 8h30 às 23h - Sáb. e Dom. das 9h às 22h 9h às 20h - Sáb. das 9h às 19h

1ª Repartição de Finanças 252 322483 2ª Repartição de Finanças 252 323919 Acção Social 252 301233 ACIF 252 315409 Biblioteca Municipal 252 319684 Bombeiros V. Famalicão 252 301112 Bombeiros V. Famalicen ses 252 322055 Bombeiros V. Riba de Ave 252 900200 Câmara Municipal 252 320900 Geral Número Verde 800 292827 Caminhos de Ferro 252 323289 Ca sa das Artes 252 371297 Ca sade Camilo 252 327186 Cemitério Municipal 252 319888 Central de Camionagem 252 373464 C.de Saúde Famalicão 252 313645 C. de Saúde Delães 252 907030 CI TEVE 252 300300 Con ser vatória Reg, Ci vil 252 373336 Con ser vatória Reg. Predial 252 322560 EN - Electricidade do Norte 252 374323 ESSVA 252 301720 Extensões de Saúde 252 916226 Arno so Santa Maria Fradelos 252 458061 Gondi felos 252 952139 Joane 252 990580 Landim 252 321462 Louro 252 330220 Lou sado 252 493209 Requião 252 323954 Ribeirão 252 492707 Rui vães 252 993150 Seide S. Miguel 252 323880 Vale São Cosme 252 912624 Fund. Cupertino Miranda 252 301650 GNR de Famalicão 252 501360 GNR de Joane 252 996514 GNR de Riba de Ave 252 982385 Hospital S. João de Deus 252 300800 Hospital Narci so Ferreira 252 900800 Inspecção de Trabalho 252 323041 IEFP 252 501100 Ludoteca 252 319684 Polícia Municipal 252 320999 Posto de Turismo 252 312564 Protecção Civil 252 317336 PSP 252 373375 Segurança Social 252 301230 Ser viço Águas - Avarias 252 322971 Tá xis: Famalicense 252 311642 Ta xitel 252 372724 TUF 252 310004 Tribunal Cível 252 501400 Tribunal de Trabalho 252 311691 Tribunal Judicial 252 302950 Uni versidade Lu siada 252 309200


40

sport: 2 de Abril de 2008

Scarlett não quer ser Jenna

últimas

Boas maneiras precisam-se A actriz Kelly Brook tirou o feriado de Páscoa se dedicar a si e às amigas. Antes de ir ao salão de beleza com as companheiras, Kelly passou pelo restaurante Joan's On Third, em Beverly Hills, para se refastelar com um bom almoço. Diz quem prese nciou o almoço, que Ke lly reve lo u falta de boas maneiras à mesa. Ela falava com a boca cheia, comia de boca aberta e atirava comida às meninas que a acompanhavam. Uma vez mais se prova, que ser famoso, só por si, não signifi ficca ser bem-educado.

Jenna Jameson, uma das maiores estrelas do cinema porno, acha que Scarlett Johansson seria a actriz ideal para a representar no filme Heartbreaker, a adaptação ao cinema da sua autobiografia que conta como ascendeu ao estrelato na indústria de filmes para adultos, com o sugestivo nome de “Como fazer amor como uma estrela porno”. Jenna Jameson, de 33 anos, explicou à revista People que Scarlett Johansson tem a mistura perfeita de profundidade e erotismo que ela queria para o papel: "é inteligente, simpática”. Apesar da insistência da estrela da porno, Johansson já disse que não tem qualquer interesse em acrescentar ao seu currículo cinematográfico a adaptação da autobiografia de Jameson.

Michael Stipe assume ser gay Pretendente procura-se A modelo Joanna Krupa é uma jogadora regular de poker, tendo participado no campeonato mundial de 2006. Apesar de ser conhecida no mundo do poker, mais pelos seus atributos físicos do que pelos seus resultados, acabou de demonstrar que também tem algum talento no poker ao vencer um torneio de caridade nos Estados Unidos. Joanna, já foi considerada a mulher mais sexy do mundo e a melhor supermodelo ao cimo da terra. Coelhinha da Playboy e fanática por desporto, esta mulher, actualmente, vive com a mãe e irmã em Los Angeles. Homens, atenção porque esta loiraça ainda procura pretendente...

O vocalista dos R.E.M., Michael Stipe, admitiu numa entrevista à revista Spin que é gay, colocando um ponto fi fin nal na especulação em torno da sua sexualidade. “Era muito complicado admiti-lo nos anos 80. Todavia, na banda e na minha família era tudo muito claro”, disse o músico. Michael Stipe diz que nunca se sentiu seguro com uma relação para dizer que alguém era seu namorado. “Reconheço que o facto de algumas fi fig guras públicas assumirem a homossexualidade ajuda os mais novos. Há canções que escrevi sobre esse tema”, desvendou também o vocalista dos R.E.M.


OP 5C