Issuu on Google+

Academia Mestre Manuel Cunha forma campeões Natação de Famalicão conquista medalhas no Torneio de Juvenis e Juniores

O Grupo Desportivo de Natação de Famalicão (GDNF) foi um dos clubes que conquistou mais medalhas no Torneio de Juvenis e Juniores. A prova realizou-se nos passados dias 10 e 11 de maio, nas Piscinas Municipais de Paços de Ferreira. A equipa famalicense, no conjunto das provas, conseguiu colocar vários atletas no pódio. De destacar que João Carlos Silva, Beatriz Martins e Graça Araújo sagraram-se campeões do Torneio. Destaque também para o 2º lugar do Torneio alcançado por João Ferreira e Ana Costa. O GDNF participou com 22 nadadores. Foram eles: Flávio Silva,

Pedro Ferreira, Xavier Ferreira, João Carlos Silva, João Ferreira, Eduardo Maia, Mateus Carvalho, Diogo Batista, Francisco Ferreira, Graça Araújo, Ana Costa, Catarina Jardim, Carla Alves, Barbara Gonçalves, Beatriz Martins, Viviana Cunha, Inês Machado, Cristiana Ribeiro, Mariana Batista, Rafaela Silva, Adriana Couto e Adriana Figueiredo. Os nadadores famalicenses alcançaram excelentes tempos e inúmeros recordes pessoais, mesmo estando ainda em fase de preparação da época desportiva com vista aos campeonatos nacionais, a realizar nas piscinas olímpicas do Jamor, em Lisboa.

Mafalda Guedes vence no Clube Ténis do Porto Mais um título em sub12 para a atleta Mafalda Guedes, do Ténis Clube de Famalicão (TCF). Desta vez venceu o torneio que se realizou no Clube de Ténis do Porto. A atleta famalicense não perdeu nenhum jogo, nem nenhum short set em todo o torneio. Na fase de grupos venceu as atletas Mariana Lisboa e Ana Castanheiros, do CT Braga e do Betaténis, respetivamente. Já na segunda fase, e já em eliminação direta, venceu nas meias-finais a jogadora da casa, do CT Porto, Carolina Barbedo, por 4-1 e 5-4. Na final, defrontou novamente a jogadora Ana Castanheiros, do Betaténis, e venceu em apenas dois shorts sets, por 4-2 e 4-1.

Provas, com o apoio do município de Famalicão, decorrem este fim de semana

Taça Coca-Cola e Maratona Race em BTT juntam mais de 3 mil atletas O desporto que vai dominar as atenções do próximo fim de semana em Famalicão. A Taça Coca-Cola e a Maratona Race em BTT são os dois grandes eventos desportivos agendados para o próximo sábado e domingo, dias 17 e 18 de maio, envolvendo no seu conjunto perto de três mil atletas e muitos mais espetadores. A etapa regional famalicense da Taça Coca-Cola 2014, um torneio de futebol 11 para jovens de ambos os sexos dos 13 aos 15 anos, vai ser disputada por cerca de 1.700 jovens famalicenses no Estádio Municipal de Famalicão. Ao todo, a prova envolve 75 equipas famalicenses, sendo que 10 são femininas. No final, serão selecionados até cinco jogadores, por escalão, para integrarem as Seleções Coca-Cola. Entretanto, para que ninguém fique de fora da dinâmica desportiva, enquanto decorrem os jogos a Avenida de França

acolhe o Parque Vida Ativa, aberto a toda a comunidade e com muitas atividades para toda a família. Maratona BTT com um milhar de inscritos Já a Maratona Race, em BTT, organizada pela Associação Amigos do Pedal, organiza-se no domingo e é uma das maiores provas do género da região. Estão inscritos perto de um milhar de atletas para um competição ao gosto e ao ritmo de cada um, desde os mais competitivos, que vão disputar a terceira prova do calendário do Campeonato Regional Minho de Maratonas, até aos atletas que se inscrevem pelo puro prazer de pedalar pela paisagem natural do concelho. Inicialmente, o evento ia decorrer em dois dias, no sábado e no domingo, com a organização, procurando ir de encontro às expetativas dos atletas que habitualmente participam nas suas

provas, a propor a realização de duas corridas em dois dias consecutivos. “No entanto, a pouco menos de um mês da competição, não conseguimos garantir uma grelha de participantes digna de um evento com esta dimensão. E perante este cenário, decidimos anular o evento ‘Famalicão Maratona Race’”, explicam os Amigos do Pedal, na página da Internet da iniciativa. Mantém-se, contudo, a realização da VI Maratona BTT de Famalicão, a contar para o Campeonato Regional de Maratonas do Minho, e da meia-maratona, ambas no domingo, dia 18 de maio. O percurso da edição deste ano é novo. Parte do Campo da Feira para depois se desenvolver pela mancha rural e florestal do concelho, com 800 metros de acumulado para a meia-maratona e 1.600 metros para a maratona. Os participantes começam a pedalar às 9h30.

Gindança com resultados positivos na Taça de Portugal A equipa de dança desportiva da Academia Gindança/Alunos Apolo competiu, no passado fim de semana, no Entroncamento, na 1ª eliminatória da Taça de Portugal. Os atletas famalicenses obtiveram bons resultados nos seus escalões. Destaque para o 1º lugar Standard e 8º lugar Latinas conquistados, em Adultos Open, por Sérgio Costa e Rita Almeida. De realçar ainda Rafael Almeida e Sara Peixoto que alcançaram o 2º lugar Standard e o 12º lugar Latinas, em Juventude Open. Já Simão Gomes e Isabel Pinto ficaram a um lugar do pódio ao terminarem no 4º lugar Latinas, em Juventude Iniciados. Gil Veloso e Filipa Soares, na sua estreia, foram o par 10º classificado de Latinas em Juniores 2º Open. Nota ainda para Filipe Gomes e Lara Batista que ficaram no 3º lugar Standard e no 5º lugar Latinas, em Juvenis B. “Foi mais um fim de semana em grande para os pares famalicenses, estando para breve a estreia de mais dois pares em competição”, aponta a Academia Gindança/Alunos Apolo em nota à imprensa.


sport: 15 de maio de 2014

futebol

Até à última batalha, até ao último apito

Famalicão vence Felgueiras e assegura manutenção

Show de bola em Barcelos 1-1 Estádio da Devesa, em Galegos Stª Maria Árbitro: Renato Mendes (AF Braga) Auxiliares: Filipe Faria e Paulo Gonçalves

Santa Maria Ninense Edivaldo Tico (Diogo Sousa 70’) Zé Pedro Veiga Rui Gomes (Bispo 59’) Alex Celso Tiago Torres David Wallid (Rui Silva 68’) Miguel

André Ferreira China David Lourenço (Hélder G.73’) Emerson Bruno Silva Diop (Armando 59’) Capela Tiago Fernandes Fábio (João Cruz 84’) Madior

Treinado res Nuno Sousa

Jo sé Lobo

Golo s: 0-1 Lourenço (49’); 1-1 Bispo (68’). Cartõe s Amarelos: Zé Pedro (57’); Celso (71’); Rui Silva (76’); Emerson (79’); Miguel (84’); China (89’); Diogo Sousa (90’). Cartõe s Vermelho s: Não houve.

Fernando Silva Foi um Ninense tarimbado de despromovido o que se apresentou em Galegos Santa Maria para defrontar a equipa local, mas nem por isso o conjunto alvinegro foi lá com menos convicção que a necessária para dar o máximo pelo símbolo e pela banda negra que levam ao peito. O jogo começou com o Santa Maria a chegar-se à baliza de André Ferreira, mas a defensiva ninense esteve irrepreensível e nos primeiros cinco minutos conseguiu anular todas as investidas do adversário. Mas a partir dos 10 minutos o jogo mudou de rumo e foi o Ninense quem pegou na partida. Com Fábio a entrar muito bem no onze, a funcionar como o homem de marcação, os médios tiveram oportunidade de se soltarem mais na frente, com Émerson incansável em busca de servir Diop e Capela, que iam procurando Bruno Silva no meio. E não foi de estranhar quando Diop se desmarcou pelo lado direito, serviu Capela à entrada da área, que passou para Bruno Silva, tirando dois do caminho para rematar, mas sem conseguir o golo. Depois foi Lourenço a criar mais perigo, com um grande remate que não teve o rumo desejado.

Missão cumprida 3-2 Estádio Municipal de Famalicão Árbitro: José Manuel Rodrigues, do Porto Auxiliares: Paulo Mendes e Emanuel Moreira

Os ânimos dos adeptos da casa começavam a aquecer e as críticas à própria equipa apareciam, com um livre a meio do meio campo galego. Émerson mostrou dotes que ainda não se lhe haviam visto esta época, mandando um verdadeiro petardo teleguiado à barra da baliza de Edivaldo, que foi o homem do jogo. Ainda a barra ia largando tinta, Bruno Silva recebeu a bola de costas para a baliza e fintou os defesas, rematando de fora da área para mais uma bola à barra. E com isto chegou o intervalo. Na segunda parte, sSeria mesmo o Ninense a entrar com determinação e foram várias as oportunidades, até que Lourenço surgiu muito bem perto da esquina da área do Santa Maria e quando tudo apontava para que o mesmo Lourenço centrasse para o coração da área, na verdade a bola foi em direção do ângulo da baliza de Edivaldo, marcando assim Lourenço um golo impossível e que levantou os adeptos ninenses. Mas, e como já vem sendo habitual, o Ninense acabou por cometer um erro que lhe custou pontos, tendo Bispo, acabado de entrar no Santa Maria, entrado pela área solto de marcação, fazendo assim o golo do empate. Até final, assistimos a um dos mais emocionantes duelos desta jornada, Capela, avançado do Ninense, contra Edivaldo, guardião das redes barcelenses, tendo o de Santa Maria levado a melhor por 3 vezes, em outros tantos remates de primorosa execução por Capela, que merecia pelo menos um golo, que teria uma dedicatória especial a alguns adeptos do Santa Maria, terra onde os penteados diferentes não são bem aceites.

CNS

CLASSIFICAÇÃO

1. Vilaverdense 2. Vianense 3. Fafe 4. Mirandela 5. Santa Maria 6. P. Salgadas 7. AD NINENSE 8. Valenciano

RESULTADOS

Famalicão Felgueiras Tó Figueira Vilaça Mércio Palheiras Williams Chico (55’ Gomis) Peixoto Zé Alberto Marco André Diego (86’ Néne) André Soares (90’ Élvis)

Treinadores Daniel Ramos

J

Santa Maria, 1; AD NINENSE, 1 Mirandela, 0; Vianense, 1 Fafe, 2; P. Salgadas, 1 Valenciano, 0; Vilaverdense, 3

V

8 6 5 4 5 3 3 1

E

4 5 4 6 4 5 4 2

D

1 2 4 3 4 5 6 10

F

19 18 18 18 14 12 11 10

C

7 12 13 13 14 15 18 28

Cartões Amarelos: 66’ Orlando; 70’ Palheiras. Cartões Vermelhos: Não houve.

José Clemente O Famalicão recebeu, no passado domingo, o FC Felgueiras naquele que seria o jogo de todas as decisões para a formação famalicense. Só a vitória interessava ao Famalicão e foi, precisamente, isso que aconteceu, mas não se pense que foi fácil. A equipa famalicense conseguiu o seu objetivo mas aliado a muitas dificuldades, porque do outro lado estava uma equipa que também precisava de vencer. No cômputo geral podemos dizer que no final venceu a equipa que foi muito mais forte. Durante a primeira parte o Famalicão foi uma equipa muito personalizada, muito bem arrumadinha, sabia o que estava ali a fazer e aos poucos começou a cercarse da baliza de Cajó. Aos 16 minutos, Diego, de cabeça, lançou o pânico na defensiva do Felgueiras. O mesmo Diego, aos 18, desta vez num remate mandou a bola a passar um pouco ao lado da baliza. E aos 20 o mesmo Diego em mais um remate a causar muito perigo. Aos 21 foi a vez de o Felgueiras res-

P

39 36 36 33 30 22 17 16

ponder e, curiosamente, com a maior perdida do desafio quando Kingley, depois de fintar Tó Figueira, rematou para a baliza e valeu na circunstância e já em cima da linha Vilaça tirar o golo certo ao atacante da equipa do Felgueiras. Aos 25 minutos apareceu, finalmente, o golo do Famalicão. Num livre marcado por Vilaça a bola bateu na barreira e na recarga o mesmo jogador, com um remate forte, a fazer o primeiro golo para a sua equipa. Com este tento o Felgueiras voltou à carga e aos 30 minutos mais uma vez Kingley poderia ter feito o empate, mas desta vez foi Palheiras a evitar o golo do empate. Até ao intervalo nada mais houve a registar. Na segunda parte o Famalicão entrou muito cauteloso e com a nítida intenção de gerir a vantagem conquistada ainda antes do intervalo. Mas o pior estava ainda para acontecer: Chico, num lance disputado com um jogador do Felgueiras, caiu no relvado e temeuse o pior, mas felizmente tudo não passou de um susto. O jogo ainda esteve interrompido cerca de dez minutos para que o jogador famalicense fosse assistido e depois transportado para o Hospital de Famalicão. Dois minutos depois de Chico ter abandonado o jogo os seus colegas ofereceram-lho o segundo

golo, marcado por André Soares. Até aqui estava tudo a correr de feição para a formação famalicense, a vencer por 2-0. Mas ainda faltava muito tempo para o final da partida e aos 65 minutos o Felgueiras chega ao golo por intermédio de David Bessa. Este golo veio complicar a tarefa da equipa da casa porque o Felgueiras nesta fase do jogo estava por cima. Para complicar ainda mais, e numa jogada que nos deixou muitas dúvidas, Williams caiu dentro da área derrubado pelo guarda-redes Cajó e o árbitro entendeu que o jogador famalicense simulou uma grande penalidade. Face aos protestos do jogador o árbitro mostrou o vermelho direto a Williams e a partir daqui tudo ficou muito mais complicado, só que com o apoio dos associados – e que eram muitos – o Famalicão, aos 81 minutos, beneficiou de uma grande penalidade e Diego, chamado para marcar, matou a partida. Até ao final o Felgueiras ainda tentou dar a volta ao resultado, mas a única coisa que conseguiu foi marcar o seu segundo golo na última jogada do desafio. No final todos saíram satisfeitos do Estádio Municipal de Famalicão porque a equipa tinha conseguido o seu objetivo que era a manutenção.

Benjamins C do Famalicão perderam

PRÓXIMA JORNADA Vianense - Santa Maria P. Salgadas - Mirandela Vilaverdense - Fafe AD NINENSE - Valenciano

Os Benjamins C do FC Famalicão competiram, no fim de semana passado, com o Porto d’Ave e perderam por 6-2. O Porto d’Ave marcou primeiro. A partir do golo, o Famalicão foi para cima do adversário e tomou conta do jogo tendo criado várias oportunidades para empatar, mas foi ineficaz. O golo viria a aparecer por intermédio de Vasco numa boa jogada coletiva onde a bola passou pelos 3 corredores. A partir do golo o Fa-

FC Famalicão

Derrotas no regresso do futsal nacional Os campeonatos nacionais de futsal regressaram no fim de semana passado. Na 2ª divisão, série A, em jogo da 24ª jornada o Cabeçudense recebeu o Unidos Pinheirense e perdeu por 2-4, mantendo-se na 13ª e última posição da tabela, com 19 pontos. No próximo sábado, pelas 16 horas, o Cabeçudense joga no terreno do ACR Vale de Cambra para a 25ª ronda. Na 3ª divisão, série A, o GR Covense também perdeu, desta feita por 65 em casa do Ervededo, tendo descido para a 9ª posição, com 33 pontos. A contar para a jornada 25, o Covense recebe, no sábado, pelas 16 horas, o Contacto, que tem os mesmos pontos.

Alex Costa

Golos: 1-0 Vilaça (25’); 2-0 André Soares (62’); 2-1 David Bessa (73’); 3-1 Éder Diego (90’+9’ g.p.); 3-2 Alexandre Porto (90’+13’).

Manutenção - Série A 13 13 13 13 13 13 13 13

Cajó Rafa Orlando Pinto Zamorano (60’ Fábio) Landinho Carvalho (60’ Diego M.) Carneiro (75’ Hélder Pedro) Alex Porto Kingley David Bessa

FC Famalicão

22

Os Iniciados A do Famalicão empataram em Santa Maria

malicão era a equipa que melhor trocava a bola, mas um erro ditou o resultado com que se chegou ao intervalo: 1-2. Na segunda parte o Porto d’Ave entrou com outra intensidade, o que levou a dilatar o resultado para 14 nos minutos iniciais. Um rude golpe para os jovens famalicenses, mesmo assim ainda conseguiram reagir para 2-4, por intermédio de Costinha numa boa combinação entre Vasco e Costinha. Pensava-se que era o tónico para o Famalicão procurar o empate, mas foi o Porto d’Ave a ampliar o marcador para 2-6. Nos resultados dos restantes escalões foram: Famalicão 2-0 Urgeses (Juniores); Famalicão 0-2 Urgeses (Juvenis B); Santa Maria 1-1 Famalicão (Iniciados A); Avidos e Lagoa 4-3 Famalicão (Iniciados B); Marinhas 2-1 Famalicão (Infantis A); Famalicão 3-6 Operário (Infantis B); Famalicão 1-5 Urgeses (Infantis C); Urgeses 1-10 Famalicão (Benjamins A); Delães 2-4 Famalicão (Benjamins B); Famalicão 2-6 Porto d’Ave (Benjamins C); Famalicão 13-0 Louro (Petizes).


sport: 15 de maio de 2014 23

futebol

Oliveirense mantém 1º lugar e Ribeirão já sem hipótese de manutenção direta

Ribeirão e Oliveirense dividem pontos 1-1 Estádio do Passal, em Ribeirão Árbitro: Ricardo Coimbra, de Braga Auxiliares: Nicolas Oliveira e Ricardo Ferreira

Ribeirão Oliveirense André Varela Isaiah (Sousa 87’) Rafael Vieira Tiago Silva James (Caramelo 90’) Vitinha (Pipo 90’) Buba Mendes Daniel Igor

Carlos Alberto

Murta Tiago Moreira Paulo Renato Marco Ribeiro Miguel Vaz Bek Zé Tiago Abdou (Marquinho 76’) Cerdeira (Hugo T. 90’) Correia Santiago (Seidi 55’)

Treinadores Rui Baptista

António Carvalho

Golos: 1-0 Mendes (52’); 1-1 Seidi (90’). C artõ es Amarelos: Rafael Vieira (3’); Tiago Moreira (17’); Cerdeira (37’); Marco Ribeiro (42’); Paulo Renato (52’); Daniel (71’); Hugo Teixeira (90’). C artõ es Vermelho s: Paulo Renato (81’).

Aristides Ferreira Ribeirão e Oliveirense dividiram os pontos na penúltima jornada do Campeonato Nacional de Seniores. Uma partida que acabou de forma dramática para o Ribeirão, que comprometeu a sua permanência nesta divisão.

Só a vitória interessava aos homens do Passal e logo no primeiro minuto Vitinha esgueirou-se na direita do seu ataque, mas Murta opôs-se com classe evitando o primeiro golo da partida. Com as duas equipas a demonstrarem muita vontade em chegar ao golo, foi a Oliveirense a responder quatro minutos depois com Zé Tiago a criar o pânico na área do Ribeirão. Depois dos primeiros 10 minutos de equilíbrio o Ribeirão tentou chamar a si o comando da partida, mas

Murta mostrava-se intransponível. Que o diga Tiago Silva que à entrada da área rematou forte para boa defesa do timoneiro da Oliveirense. Logo de seguida foi a vez de Mendes tentar a sua sorte na marcação de um livre mas, mais uma vez, não acertou no alvo. A Oliveirense, muito tranquila, fechava-se no seu meio campo e só de bola parada o Ribeirão criava perigo. Aos 19 minutos Tiago Silva, novamente na marcação de um livre, obrigou Murta a defesa aparatosa.

Ida do Joane ao play-off fica para decidir na última jornada

Goleada não decide nada 4-1 Campo dos Barreiros, em Joane

Joane Lixa João Carlos Eliseu Cassamá Dinis Almeida Paulo Rola Rui Herculano Jorginho (Betino 85’) Hélio Cruz André Carvalho Patrick (Diogo Brandão 61’) Sócrates (Dinis Lopes 76’) Aylton Boa Morte

Ernesto Eduardo Filipe Jorginho Manuel Pedro André Mendes (Vítor 46’) Raúl Faria Marco Rúben (D. Carvalho 59’) Abreu Quinzinho Mauro (Paulo Gomes 59’)

Treinadores Pedro Hipólito

Filipe Mesquita

Golos: 1-0 Paulo Rola (4’ g.p.); 1-1 Abreu (27’); 2-1 Aylton Boa Morte (35’); 3-1 Sócrates (42’); 4-1 Dinis Almeida (56’). C artõ es Amarelos: André Mendes (4’); Marco (38’). C artõ es Vermelho s: não houve.

José Carlos Fernandes O Joane não vacilou neste confronto importantíssimo frente ao Lixa. Alheio ao que se passava noutros campos, o Joane começou bem e, logo aos 4 minutos, Sócrates foi rasteirado na área contrária. Na marcação do penalti, Paulo Rola abriu o

ativo. Com o domínio do jogo, Boa Morte, aos 11minutos, desperdiça excelente oportunidade, mérito, também, para o guarda-redes Ernesto. A partir daqui, houve um relaxar dos locais, que foi bem aproveitado pelo Lixa. Sem ter nada a perder a equipa forasteira, aos 27 minutos, chegou à igualdade. A jogada foi de bom recorte técnico, Abreu, em plena grande área, bateu João Castro. Embalados com a igualdade, Ruben, 2 minutos depois, teve boa chance para colocar a sua equipa na frente. Só que um erro dos defensores caseiros proporcionou a Boa Morte bater Ernesto e colocar outra vez o Joane na frente. Novamente com o domínio do desafio, Sócrates, a 3 minutos do intervalo, depois de um bom cruzamento de Jorginho, fez o terceiro golo. Ao intervalo a vantagem dos locais perspetivava um segunda parte tranquila. No regresso do descanso, Filipe Mesquita ainda tentou reagir ao mexer na equipa, mas a verdade é que o Joane, aos 48 minutos, podia ter feito o quarto golo, valeu a grande defesa de Ernesto a remate de Sócrates. Com o jogo em sentido único, o

golo voltou a surgir. Na sequência de um canto, Dinis Almeida, exímio neste tipo de lances, bateu pela quarta vez Ernesto. A partir daqui, os ouvidos viraram-se para outros campos. O Joane mantinha a posse de bola, o Lixa não dava sinais de perigo. João Castro foi um mero espetador neste segundo tempo. Apesar de mais bola e de o futebol se desenrolar quase sempre no meio campo dos forasteiros, até ao final nada mudou. Exceção para as substituições nas duas equipas, a monotonia pairou até ao apito final. Perto do fim, o ruido que surgiu das bancadas foi motivado pelo golo da Oliveirense que empatava em Ribeirão, deixando assim uma réstia de esperança para ao menos a equipa poder disputar o play-off. Ora, assim sendo, tudo vai ficar para a última jornada. A verdade é que o concelho pode ficar apenas com 2 ou 3 equipas nesta divisão, uma vez que Ninense já desceu, falta agora saber quem o acompanha, se Joane ou Ribeirão, sendo que os do Passal apenas dependem de si e o Joane tem que ir vencer a Oliveira Santa Maria e esperar que o Ribeirão não vença em Felgueiras, para poder disputar o play-off. Arbitragem tranquila de André Almeida, de Ponta Delgada.

Mas a melhor defesa aconteceu aos 24 minutos quando James ganhou espaço na esquerda do seu ataque e com um remate cruzado, obrigou Murta à defesa da tarde. O intervalo chegava com Cedeira numa investida de contra-ataque a rematar à entrada da área mas a bola saiu por cima. Na segunda metade novamente o Ribeirão a entrar à procura do golo e Tiago Silva encontrou espaço na área contrária, mas novamente Murta a opor-se com galhardia. O golo ribeirense ia surgir aos 52 minutos: Igor rematou à entrada da área e Paulo Renato meteu a mão à bola e o árbitro apontou para a marca de grande penalidade. Na conversão Mendes colocou o Ribeirão na frente do marcador. 4 minutos depois Igor conseguiu isolar-se mas mais uma vez Murta a fazer bem a mancha evitando o segundo golo. A Oliveirense, aos poucos, foi reagindo e aos 69 minutos André, com uma defesa monumental, evitou o golo do empate. O jogo era agradável e o golo ia ameaçando as duas balizas, mas tudo parecia resolvido para o Ribeirão quando o árbitro mostrou o segundo cartão amarelo a Paulo Renato e a Oliveirense ficou reduzida a dez unidades. Mas foi puro engano. Mesmo

com menos uma unidade a Oliveirense nunca deixou de procurar o empate, que veio a surgir já em cima do minuto noventa. O árbitro viu uma falta na área ribeirense e apontou a marca de grande penalidade para desespero das hostes do Ribeirão. Seidi foi chamado a converter e não perdoou, colocando o resultado em 1-1. Com este resultado a Oliveirense sai do Estádio do Passal com missão cumprida fixando-se no 1º lugar, enquanto o Ribeirão, já sem hipótese da manutenção direta, vai medir forças com o Joane para tentar a manutenção através do playoff, adiando tudo para a última jornada, marcada para 24 de maio. O árbitro podia e devia ter feito melhor.

CNS

CLASSIFICAÇÃO

1. OLIVEIRENSE 2. FAMALICÃO 3. Tirsense 4. Fc Felgueiras 5. Varzim 6. RIBEIRÃO 7. JOANE 8. Lixa

RESULTADOS

Manutenção - Série B J

13 13 13 13 13 13 13 13

FAMALICÃO, 3; Fc Felgueiras, 2 RIBEIRÃO, 1; OLIVEIRENSE, 1 Tirsense, 2; Varzim , 0 JOANE, 4; Lixa, 1

V

6 6 5 5 4 4 4 3

E

4 4 7 2 4 5 3 1

D

3 3 1 6 5 4 6 9

F

16 18 15 21 15 20 23 14

C

9 16 10 19 15 19 26 28

P

34 32 32 32 31 28 28 15

PRÓXIMA JORNADA Fc Felgueiras - RIBEIRÃO OLIVEIRENSE - JOANE Lixa - Tirsense Varzim - FAMALICÃO

Formação do Joane com 5 vitórias em 7 jogos

Infantis Série H do GD Joane sagram-se campeões 2013/2014

As camadas jovens do Grupo Desportivo (GD) de Joane realizaram 7 jogos no passado fim de semana, dias 10 e 11 de maio, e obtiveram 5 vitórias. O grande destaque vai para os Infantis Série H que se sagraram campeões. Os atletas do GD Joane confirmaram o título ao visitarem e vencerem o CD de Lousado por 3-4. Destaque também para a goleada caseira dos Infantis Série I, por 10-0, sobre o São Cosme. Os Benjamins Série G jogaram fora, mas também golearam. 2-6 foi o resultado final no Arnoso Santa MariaGD Joane. Os Benjamins Série H também tiveram de se deslocar neste fim de semana. Neste escalão, o GD Joane foi ao reduto do Bairro FC vencer por 1-3. Nos Juniores o resultado foi o mesmo. O GD do Joane triunfou em casa do GD Cavalões por 1-3. O GD Joane apenas não venceu dois jogos este fim de semana. Empatou um e perdeu outro. O empate foi a uma bola na receção ao Santa Eulália, em Juvenis. Já a derrota foi fora de portas. Os Iniciados do GD Joane perderam por 2-1 no terreno do A. de Urgeses.


24

sport: 15 de maio de 2014

futebol pub

CRP Delães garante permanência Na tarde do passado sábado, o CRP Delães recebeu o São Cosme na última jornada do campeonato distrital da divisão de honra. Os homens de Delães procuravam a vitória para obterem a melhor classificação possível e garantir a permanência nesta divisão, não tendo de esperar pelas descidas das equipas do Nacional de Seniores, que podem influenciar o número de equipas despromovidas nas séries da divisão de honra da AF Braga. O jogo começou dividido, com o São Cosme a mostrar desde cedo que vinha a Delães para tentar levar pontos e com a equipa da casa a mostrar competência a defender e tentando sempre sair em rápidas saídas para o ataque. À passagem dos 20 minutos, Marquinho poderia abrir o marca-

AF BRAGA CLASSIFICAÇÃO

1. Amares 2. T. Bouro 3. S. COSME 4. GD LOURO 5. Antime 6. Gerês 7. RUIVANENSE 8. A Urgeses 9. DELÃES 10. Pica 11. St Adrião 12. Regadas 13. Emilianos 14. Op. Campelos 15. BAIRRO 16. Silvares

J

30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30 30

Divisão de Honra V

26 19 16 15 13 12 11 11 10 9 11 9 8 5 5 6

E

2 3 6 5 8 10 10 6 7 10 3 8 9 8 8 5

D

2 8 8 10 9 8 9 13 13 11 16 13 13 17 17 19

F

92 46 41 55 42 43 43 32 54 43 43 36 45 37 38 29

C

20 30 43 44 31 36 43 38 49 42 59 41 51 60 66 66

P

80 60 54 50 47 46 43 39 37 37 36 35 33 23 23 23

dor, mas na cara do guarda-redes adversário atirou ao lado. No entanto, há meia hora do jogo, o mesmo Marquinho, muito rápido, apareceu novamente na cara do golo e não falhou. A segunda metade começou a todo o gás por parte dos homens da casa, que ainda antes dos 65 minutos já tinham desperdiçado uma RESULTADOS PRÓXIMA JORNADA A. Urgeses, 1; Emilianos, 0 Sobem ao Pró-Nacional: grande penalidade e falhado inú5; Ruivanense, 2 Amares e Terras de Bouro meras oportunidades de golo. Aos Antime, Regadas, 0; Gerês, 1 70 minutos Marques, à entrada da St. Adrião, 6; BAIRRO, 3 Descem à 1ª Divisão: Regadas, BAIRRO, área, num remate colocado mata o DELÃES, 3; S. COSME, 0 Operário Campelos e Silvares Pica, 1; Silvares, 2 jogo e faz o 2-0 para o Delães. T. Bouro, 4; GD LOURO, 1 O Delães ainda conseguiu fazer Amares, 5; Op. Campelos, 1 o 3-0 por intermédio de Luisinho. Com esta vitória terminou a Vale, Marques, Zé Vítor, Marquinho época no 8º lugar da divisão de e Vitinha. Jogaram ainda Luisinho, honra. Samu e Diogo Amorim. O Delães alinhou com: Dani, Hélder, Tiago, Jean, Alves, Anísio, CRP Delães

Resultados dos campeonatos da AFSA Já estão encontrados os finalistas da Taça de Iniciados 2013/14 da Associação de Futebol de Salão Amador de Famalicão (AFSA). Na última jornada, disputada no domingo passado, os resultados foram os seguintes: União Louredo 4-2 AD Pedome e FC Landim 2-11 Barrimau FC. Na 1ª divisão, os jogos da jor-

pub

nada do fim de semana terminaram assim: ADERM 3-3 GD Carreira; ARCV São Cosme 1-8 AD Castelões; FC landim 5-0 ADR Outeirense; Colina Ave 3-3 UD Bairrense; JASP 7-0 União Louredo; AD Pedome 3-5 ADC Novais. Na 2ª divisão jogou-se a última jornada, cujos resultados foram os seguintes: ADESPO 2-1 Flor Monte;

Barrimau 1-2 Gente Fantástica; ARCD Bente 6-8 Cajada; GRVS Martinho 9-0 AD Esmeriz; União Lourdo B 3-6 AC Vermoim; AM Lameiras B 9-3 ACDSM Brufe. A ADESPO terminou em 1º lugar, com 53 pontos. Em veteranos os jogos do fim de semana terminaram assim: União Louredo 3-6 ADERM; ADC Novais 2-5 UD Bairrense.

ADESPO termina campeonato da AFSA com vitória A ADESPO jogou a última jornada do campeonato da 2ª divisão da AFSA em casa frente à formação da Flor do Monte e conseguiu mais uma vitória em mais um grande jogo. Com duas equipas que quiseram fazer um grande jogo, e fizeram, a ADESPO entrou ainda com a indefinição de se poderia ou não ser campeã. “‘Graças’ à AFSA que deveria ter tomado uma posição e não o fez, e com isso fez deste final de campeonato da 2ª divisão uma final muito má e sem verdade desportiva”. Mas as duas equipas, ainda que tristes, não deram qualquer importância a essa falha grave e fizeram um espetáculo em campo. Se na ADESPO foram todos grandes protagonistas, já na Flor do Monte, embora todos se tivessem empenhado ao máximo, sobressaiu o guarda-redes com uma mão cheia de grandes intervenções que foram dificultando o resultado à ADESPO, pois teve de trabalhar muito para alcançar mais uma merecida vitória. Parabéns à Formação da Flor do Monte. No final o Clima foi, ainda que com sentimento de revolta, de muita festa, pois além da subida (e man-

tendo a incerteza de quem seria o campeão) festejouse ainda mais o facto de a ADESPO ser a equipa da 2ª divisão da AFSA, na época 2013/2014, com o menor número de cartões amarelos sem expulsões ou sanções em todo o campeonato. A ADESPO felicitou ainda toda a equipa pela grande época com a entrega de lembranças.

Semana da Geração Benfica com momentos para todos No passado sábado de manhã, a turma de benjamins da Escola do Benfica de Famalicão, orientada por Elias Pinto, venceu em Ribeirão, estando agora a uma vitória de se poder sagrar campeã distrital. Já os benjamins treinados por Nuno Santos jogaram em casa do Sandinenses, tendo perdido o encontro pela margem mínima. Os infantis comandados por Dinis Moreira empataram na receção ao Amares. As turmas de petizes e traquinas cumpriram vários encontros durante o fim de semana. No sábado de manhã, os petizes participaram na ESA Kids Cup, que decorreu em Braga, tendo também jogado diante da Oliveirense para a Liga Vale do Ave, onde perderam. Os traquinas cumpriram duas jornadas vitorio-

sas para a mesma liga, no sábado diante da Oliveirense e no domingo frente ao Ringe. No domingo de manhã os infantis treinados por David Ferreira e Paulo Ribeiro golearam nos seus encontros, frente às equipas do Bairro e Lomarense, respetivamente. A turma de iniciados de Carlos Fernandes recebeu e venceu, na tarde de domingo, frente ao Ninense, nesta que foi a última jornada do campeonato, no ano que marca a estreia da Escola Geração Benfica de Famalicão nos campeonatos futebol 11. As “águias” terminam a época em 6º lugar no campeonato, depois de uma segunda volta de reconhecida evolução.


sport: 15 de maio de 2014 25

modalidades

São ensinados também os princípios de disciplina, respeito e humildade

Mestre Manuel Cunha com Catarina Martins, a mais jovem campeã do mundo que conquistou o título em Segovia-Madrid em 2013

Sede da Academia foi inaugurada no dia 25 de abril

Treino de defesa pessoal

Dezenas de jovens treinam nas quatro Academias

Academia de Artes Marciais Alex-Ryu-Jitsu Mestre Manuel Cunha forma campeões A Academia de Artes Marciais Alex-Ryu-Jitsu, sob a tutela do Mestre Manuel Cunha, já conta com vários anos de existência no concelho de Famalicão, tendo, atualmente, um papel ativo na formação de crianças e jovens. O Mestre Manuel Cunha revela que sempre teve interesse pelas artes marciais, algo que nasce com o cinema. “Iniciei-me no ano de 1977, quando eram exibidos nos cinemas os filmes do malogrado Bruce Lee, criador do ‘Jeet Kune Do’, e grande impulsionador das artes marciais no mundo”, começa por contar. Tendo conhecimento que o Mestre Alexandre Carvalho, outro famalicense, ministrava aulas dentro do mesmo sistema ‘Kung Do Té’, Manuel Cunha não hesitou e pediu para aprender. “O Mestre Alexandre Carvalho aceitou-me e, até hoje, continuo como seu discípulo em todos os estágios, seminários e cursos”. Atualmente, o Mestre Manuel Cunha, 6º Dan ‘Cinto Vermelho e Branco’, é professor de artes marciais com estatuto de Mestre Adjunto do Grande Mestre, filiado na Associação de Artes Marciais de V. N. de Famalicão, na Associação Portuguesa de Alex-Ryu-Jitsu e Federação Portuguesa de AlexRyu-Jitsu. Está ainda

habilitado como preparador físico desportivo para orientar e conduzir no exercício das atividades físicas e desportivas, personal trainer, segurança e vigilância privada. Foi em Março de 1999, que “a pedido de alguns amigos”, dá-se a abertura da Academia de Artes Marciais de Calendário. Seguiu-se depois Antas, Lousado e Portela Santa Marinha, sendo que no decorrer destes anos foram formados monitores, instrutores e mestres. Nestas academias praticase a arte do Alex-Ryu-Jitsu, que tem as suas raízes e origens nas disciplinas do Jeet Kune Do, Kempo/Fushi, kick-Boxing, Yawara-Jitsu, Jiu-Jitsu, Ninjutsu e Lai. O Mestre Manuel Cunha explica que os treinos “começam pelos princípios morais e sociais, conduzindo os alunos ao equilíbrio espiritual, cortesia, disciplina, respeito pelo semelhante, humildade”. Nas aulas há espaço para a meditação, “na posição de Zazen, sobre a filosofias doutrinárias dos nossos símbolos, descontrair, relaxar, no sentido do repouso e tranquilidade, autodomínio e paz interior”, acrescenta, vincando que a prática da meditação, transforma “a agressividade ou situação conflituosa, em sossego contribuindo para

o desaparecimento da angústia, situações de bullying, medo e desespero”. P r oc u r a cr e s ce n t e Na realidade, devido aos problemas sociais e criminosos que afetam a população, a Academia de Artes Marciais Alex-Ryu-Jitsu Mestre Manuel Cunha tem registado uma maior procura para a prática da modalidade, mesmo por elementos do corpo de segurança pública e privada. Segundo o Mestre, este sistema de arte marcial adequa-se à idade e capacidade do aluno, crianças, jovens e adultos, de ambos os sexos, e destina-se também a atletas de competição ou serve de manutenção, podendo “ser realizado em qualquer idade, porque não estamos a falar de apenas um desporto, mas um método eficaz de autodefesa e promotor da saúde”. “O exercício físico é fundamental para o desenvolvimento, no sentido de alcançar o maior rendimento do corpo, com movimentos físicos e técnicas de aprendizagem. O praticante treina sistematicamente braços e pernas, de forma a defender-se de qualquer tipo de agressão ou inimigo, contra um ou mais adversários”, explica. » »»»»» pub


26

sport: 15 de maio de 2014

modalidades

Campeões nacionais da época 2014

»»»» »» Na Academia de Artes Marciais Alex-Ryu-Jitsu Mestre Manuel Cunha já se formaram alguns cinturões negros, e dezenas de campeões, auxiliados por um corpo docente de quatro Mestres, três instrutores e dois monitores. “Temos mais de uma centena de alunos, com pais e filhos a treinarem juntos, porque temos aulas a partir dos 4 anos de idade”. Os treinos são relevantes e

ajudam “na defesa pessoal contra ameaças físicas, sob a ameaça de armas brancas ou de fogo, mas também na construção da verdadeira personalidade e autoconfiança”. “A assiduidade aos treinos dos nossos alunos no Dojo (local onde se treinam artes marciais japonesas), no jardim, no monte ou na praia, desenvolve uma forte capacidade física e mental, capaz de derrotar qualquer adversário”, assegura o Mestre Manuel Cunha.

No caso da defesa pessoal há vários treinos com faca, pistola, tonfas, paus, tacos, espingarda, machado, técnica de espada-catana Shinobigatana, corte de precisão Tamakiri, bengala, entre outros. Tra balh o d a Ac ad e m ia r e co n h e c i d o Ao longo destes anos, Academia de Artes Marciais AlexRyu-Jitsu Mestre Manuel Cunha tem participado em treinos de combate de rua e competição pub

em Light-Contact (contacto leve), e K.O. (contacto total). Refira-se ainda a participação em campeonatos Regionais, Nacionais, Taças de Portugal, bem como Campeonatos do Mundo inter-estilos (outras artes marciais). Estas academias, nos seus 15 anos de existência, já somam 13 títulos de Campeãs Regional, 14 de Campeãs Nacional, 4 taças de Portugal, 14 medalhas de ouro, 6 de prata e 5 de bronze, nos Campeonatos do Mundo in-

ter-estilos. Para a história ficam também atletas de destaque nos campeonatos do mundo em 2010-2012 e 2013-2014, com medalhas de ouro, prata e bronze. São eles: João Delgado, Tiago Sá, Vítor Lopes, Florbela Lopes, Catarina Martins, Maria Reis, Jéssica Rodrigues, Catarina Borges, Marta Borges, Ricardo Mesquita, João Costa, Tiago Costa, Alberto Moamedov, Paula Reis, Fátima Abrunhosa, e Daniela Lima. pub


publicidade

sport: 15 de maio de 2014 27


28

sport: 15 de maio de 2014

modalidades A Academia de Artes Marciais Alex-Ryu-Jitsu Mestre Manuel Cunha cumpriu, há pouco tempo, um passo importante e muito desejado: a sua própria sede. Trata-se de um espaço na antiga Escola Primária da Magida, em Calendário, cedido pela Câmara de Famalicão, que mostra assim o apoio às atividades da Academia, em nome dos feitos e bom nome que as artes marciais têm trazido para a região. A sede foi inaugurada no passado dia 25 de abril, onde estão todos os troféus obtidos ao longo destes anos pela Academia, além de uma sala equipada para treinos.

Locais e dias de treino para novas turmas  Escola Dr. Nuno Simões, segunda e quinta, das 19h30 às 21h00, em Calendário.  Ex-escola Primária da Magida, em Calendário, de segunda e quinta, das 16h30 às 18h00. (Nova turma para trabalhadores da restauração). Terça e Sexta, das 19 às 20 horas, crianças dos 4 aos 8 anos.  Escola Júlio Brandão em Famalicão, das 20 às 21h30 para todas as idades.  Mundos de Vida, em Lousado, à quarta, das 19 às 20h30; aos sábados das 11 às 12h30.  Ex-escola primária de Portela Sta. Marinha, terças e sextas, das 19h45 às 21h15. Inscrições abertas mas limitadas. Contactos: 917300626/ 918839701; manuelcunharj@gmail.com pub


sport: 15 de maio de 2014 29

modalidades

Seniores do AVC terminam Nacional no 5º lugar

A equipa sénior do Atlético Voleibol Clube (AVC) terminou a época 2013/2014 no 5º lugar do Campeonato Nacional da 1ª Divisão. As famalicenses receberam e venceram, por 3-0, o Giná-

sio Clube de Santo Tirso. A época foi de superação de objetivos para o AVC. A meta traçada no início da época era a da manutenção, mas com os resultados positivos que a equipa foi ob-

tendo, o objetivo foi redefinido e passou a ser terminar nos primeiros seis classificados. Com o 5º lugar conquistado, a equipa sénior do AVC superou, assim, mais um objetivo a que se propôs. Este último jogo ficou ainda marcado pela despedida da atleta Sofia Gomes que decidiu terminar a carreira desportiva. O clube famalicense, em nota de imprensa, agradece a “dedicação e empenho” da atleta e deseja-lhe as “maiores felicidades na sua vida pessoal e profissional”. No passado sábado, a equipa de iniciadas do ACV deslocouse a Gaia para defrontar o Arcozelo e perdeu por 3-2. No próximo fim de semana, as iniciadas recebem o Castelo da Maia GC, jogo agendado para o dia 17 de maio, pelas 15 horas, no Pavilhão das Lameiras.

Basquetebol: André Sá mantém-se como treinador do FAC O treinador André Sá vai ser o treinador da equipa sénior de basquetebol do Famalicense Atlético Clube na próxima temporada (2014/2015), sendo secundado pelo adjunto Tiago Alves. A Direção do

FAC aposta na continuidade do projeto, encarando a próxima época com objetivos mais ambiciosos. O plantel está a ser construído, estando prometidas novidades para breve.

Nuno Antunes no pódio em Cross Country A 5ª prova do Campeonato do Minho de Cross Country realizou-se em Gondar, Guimarães. Seis atletas do Famalicense Atlético Clube estiveram presentes, com realce para o cadete Nuno Antunes que obteve o quarto pódio da temporada, consolidando assim a sua 3ª posição no ranking geral. Nos Juniores, Ruben Sampaio denota consistência de rendimento que

se traduz no seu 10º lugar, e Carlos Rodrigues, com um furo, não fez melhor do que o 15º posto. Em Elites, Pedro Machado ainda não atingiu a forma da época passada e foi 18º. Roberto Lopes, também com um furo, comprometeu a sua corrida em Masters30, terminando na 10ª posição. Coletivamente o FAC foi 14º. Em preparação para a Mara-

tona de Famalicão, que se realiza na próxima semana, Joaquim Barbosa fez a Maratona de Vila Praia de Âncora e terminou na 44ª posição da geral, não se conhecendo a classificação no seu escalão de Masters40. Também com o mesmo objetivo, Marco Marques e João Alves disputaram o Raid Terras da Maia, concluindo na 11ª e 12ª posição, respetivamente.

Sónia em preparação para o C. Nacional - Badminton Os três atletas do Famalicense Atlético Clube que vão participar na última jornada do circuito nacional sénior de Badminton estiveram presentes no Open Queima das Fitas, organizado pela Associação Académica de Coimbra. Os sub19 Rui Mesquita e Miguel Pereira participaram nas categorias inferiores e Sónia Gonçalves na elite. Neste torneio Sónia teve a oportunidade de defrontar nas meias finais a atleta olímpica Ana

Moura, com quem perdeu novamente em três sets, com 21-17 no último parcial. Ainda foi finalista em pares mistos. Sónia vai participar, na próxima semana, na última jornada do circuito nacional, cujo ranking lidera e consequentemente vai ser a cabeça de série nº1. Na semana posterior vai a Madrid para pontuar no circuito mundial e depois, em junho, terá no final de temporada o campeonato nacional absoluto e de sub21.

Terminou a temporada de Bilhar do FAC Terminou a temporada de bilhar. Realizaram-se os dois últimos jogos de bilhar da equipa do Famalicense Atlético Clube e ambos no salão do FAC. O FAC “B” jogou com o Leixões “B” para a 2ª divisão e empatou 2-2. Pelo FAC jo-

garam: Camilo Silva, Luís Dias, Frederico Figueiredo e Carlos Sampaio. Na despedida da 1ª divisão, o FAC “A” recebeu o Leça FC, potência da modalidade, e fez história, conseguindo o primeiro

triunfo na elite nacional, ganhando por 3. Os heróis deste resultado foram: Adelino Paredes, Adolfo Pereira, Carlos Veloso e Jorge Lopes. Na próxima época o objetivo será a subida de divisão e o título nacional da 2ª divisão.

AJ Joane é campeã de Infantis da Liga de Futsal

A Associação Juventude de Joane (AJJ) sagrou-se campeã de Infantis 2013/2014 da Liga de Futsal de Famalicão. Foi como campeão que a AJJ se apresentou no pavilhão desportivo de Vermoim para o último jogo da época frente ao CRC, no fim de semana passado, tendo vencido por 0-3. Isto porque a equipa de Joane já tinha conquistado o título de campeão no escalão de Infantis na jornada anterior. Refira-se que nas 18 jornadas a AJJ apenas perdeu o primeiro encontro, empatou um e somou 16 vitórias. Foi o melhor ataque com 107 golos e melhor defesa com apenas 20 golos sofridos. “Quero dar os parabéns a todos os atletas dos Infantis, foram excecionais ao longo da época. Apelo para que continuem a trabalhar, o melhor ainda estará para vir”,

afirma Sérgio Fernandes, que ao longo do campeonato comandou os jovens da AJJ. Para o presidente da AJJ, Custódio Silva, o sentimento é de dever cumprido: “Fomos a equipa mais regular ao longo do campeonato, sem tirar mérito aos nossos adversários. Este título enche-nos de orgulho”. Quanto aos restantes resultados da última ronda de infantis foram os seguintes: GRVS Martinho 5-1 Barrimau; FC Vermoim 2-1 Recreio Desportivo; A2D-Didáxis 1-3 GRVS Martinho; Barrimau 7-1 Arnoso St. Eulália; AD Esmeriz 2-0 Sportfut. No fim de semana jogou-se ainda no escalão de Escolas e os jogos terminaram assim: MAL 4-5 AJ Joane; Arnoso St. Eulália 3-0 Sportfut B; A2D-Didáxis 2-3 ARPO.

Resultados da UD Calendário Os Juvenis da União Desportiva de Calendário deslocaram-se, no fim de semana passado, ao terreno do Delães e empataram a duas bolas e assim terminaram o seu campeonato. Os Infantis receberam no seu terreno o Ninense e perderam por 5-3. Os Benjamins receberam e venceram a Oliveirense por 5-2 e assim terminaram o seu campeonato, ocupando a 1ª posição da tabela classificativa, folgando na última jornada do campeonato.

ADC Novais promove torneio de Futebol de Salão A Associação Desportiva e Cultural de Novais vai organizar o seu já habitual Torneio de Futebol de Salão nos meses de junho e julho, estando o início previsto para o dia 7 de junho. Este torneio é de participação gratuita e as inscrições já estão abertas, podendo ser efetuadas até ao dia do sorteio, marcado para 3 de junho. As inscrições podem ser efetuadas através do email direccao.adcn@sapo.pt ou do facebook/adcnovais. A organização informa que em disputa estarão “alguns valiosos prémios”, além de troféus para todos os participantes.

Futsal distrital A 28ª jornada do campeonato da 1ª divisão de futsal da AF Braga disputou-se no fim de semana passado e os resultados das equipas famalicenses foram os seguintes: CRP Delães 1-4 Rio Caldo; FC Vermoim 9-0 AST Futsal; São Mateus 6-0 ACR Lordelo; AD Esmeriz 5-6 MAL; Mouquim 3-3 Nun’Alvares. A jornada 29 joga-se no próximo fim de semana, com os seguintes encontros: AEIPCA-AD Esmeriz (dia 16, 21h30); FC Vermoim-Vieira Futsal (dia 17); MAL-Mouquim (dia 17); ACR Lordelo-CRP Delães (dia 17, 16h40); AST Futsal-São Mateus (dia 17, 19h). Na tabela classificativa, não se registaram alterações para as formações do concelho. Assim, o São Mateus é 2º, com 74 pontos; o FC Vermoim segue em 3º, com 70; o MAL é 4º, com 70; em 6º segue o Mouquim, com 43; em 12º continua a AD Esmeriz, com 22; o Delães é 13º, com 19.


30

sport: 15 de maio de 2014

modalidades pub

ARCV S. Cosme vence em Landim A ARCV S. Cosme triunfou no XII Grande Prémio de Atletismo de Landim, que se realizou no passado dia 1 de maio. A equipa conquistou o 1º lugar, por equipas, no escalão de Seniores. Para este feito contribuíram as classificações de Carlos Barroso (2º), Ruben Costa (5º), José Barbosa (7º), Roberto Machado (8º), Simão Mendes (17º) e de Hélder Ferreira (18º). A ARCV S. Cosme disputou ainda as provas extra do Atleta Completo da Associação de Atletismo de Braga, no dia 3 de maio. Destaque para o 2º lugar de Francisco Mendes na prova dos 60 metros, em Benjamins. Já Simão Mendes foi 3º da sua série na prova extra dos 400m.

FAC perde no último jogo em casa O último jogo do Famalicense Atlético Clube em casa no campeonato nacional da 2ª divisão de hóquei em patins foi a imagem dos últimos jogos. Depois da eliminação na Taça de Portugal, a equipa ficou sem objetivos aliciantes e o rendimento diminuiu. Neste encontro frente ao Sobreira, que luta desesperadamente pela manutenção, o FAC, apesar de não se exibir com o nível que já habituou, estava a vencer por 2-1 ao intervalo. Aumentou a vantagem para dois golos mas permitiu a recuperação dos paredenses e num ápice empataram e depois colocaram-se em vantagem. Ainda empatou, mas nos minutos finais o Sobreira marcou para conquistar os três pontos e venceu por 7-4. O FAC mantém a 9ª posição e o Sobreira a 13ª. A úl-

tima jornada disputa-se no próximo sábado em Gulpilhares. O jogo está marcado para as 18 horas. Na penúltima semana da temporada desportiva da formação, houve jornada dupla para escolares, sub13 e sub15. No sábado, o FAC recebe o Riba d’Ave HC e os escolares ganharam por 5-4; os sub13 e sub15 perderam por 1-5 e 3-4, respetivamente. No domingo, em Ponte de Lima, as mesmas equipas em competição. Os escolares voltaram a triunfar por 6-4; os sub13 perderam por 5-2; e os sub15 ganharam por 8-3 depois de ao intervalo estar a perder por 3-2. Depois dos sub20 na semana passada, terminou a temporada para os sub15. Na próxima semana termina para os restantes: escolares, sub13 e sub17.

Hóquei em Patins: Riba d’ Ave perde com Espinho pub

O Riba d’ Ave Hóquei Clube (RAHC) efetuou, no passado sábado, o seu último jogo em casa esta temporada, na 29ª e penúltima jornada do campeonato nacional da 2ª divisão – zona Norte de hóquei em patins. Na receção à Associação Académica de Espinho, que ainda acalentava aspirações de subida, os ribadavenses viram os visitantes realizarem uma exibição pragmática, triunfando por 4-6. A 1ª parte do jogo foi muito dividida e nos primeiros 10 minutos as situações de golo repartiram-se para ambos os lados. Seria o Espinho a abrir o ativo, à passagem do minuto 11, e 10 minutos depois alargaram o marcador para 0-2. Dois minutos depois, boa possibilidade para o Riba d’ Ave reduzir na marcação de um livre direto, mas Vítor Hugo permitia a defesa do guardião espinhense. Porém, na sequência da jogada era assinalado penalti por falta do guarda-redes do Espinho e chamado à conversão, Bruno Castro

via o guardião anular o seu remate. Os ribadavenses não esmoreceram e a 40 segundos do intervalo reduziam a desvantagem, após golo de Ricardo Lopes. O início da etapa complementar não foi muito diferente da 1ª parte. Seria o Espinho de novo a marcar primeiro. O Riba d’ Ave tentava de todas as formas reduzir a desvantagem, mas o guarda-redes do Espinho, que realizou uma excelente exibição, não o permitia. Aos 13’, falta para grande penalidade a favorecer o RAHC. Na marcação, André Alves permitia a defesa do guarda-redes e na recarga rematava de novo ao poste. Aos 15’, e já com o guarda-redes João Aurélio em pista, o Espinho chegaria ao 1-4. Resultado demasiado penalizador para os ribadavenses, que dois minutos depois sofriam o 1-5. Com o jogo praticamente perdido, os pupilos de Horácio Ferreira tiveram uma atitude muito digna e não desistiram até final.

Mouquimbiketeam na Maratona de Santo Tirso A Mouqimbiketeam/Afacycles participou, no passado dia 1 de maio, na Maratona de Santo Tirso, a contar para a Taça do Porto. O atleta Sérgio Fernandes foi o destaque da equipa ao vencer a maratona em Master A. Já na meia-maratona, Daniel Santos também chegou ao pódio. O atleta terminou em 3º lugar, em Elites. No mesmo escalão participaram ainda Nuno Silva (4º), Rui Silva (11º) e Rúben Rocha (15º).

Aos 22’, Bruno Castro reduzia para 2-5. A 23 segundos do fim, Ricardo Lopes bisava no 3-5. Cinco segundos depois, 20ª falta do RAHC (contra 7 do Espinho) e consequente livre direto, com o Espinho a fazer o 3-6. Os segundos eram poucos, mas os suficientes para o RAHC reduzir e estabelecer o resultado final em 4-6, após golo de Raul Meca. No próximo sábado, 17 de maio às 18h, o RAHC (4º classificado) desloca-se a Cucujães para defrontar a turma local (12º classificado), que busca a permanência neste escalão, na derradeira jornada do campeonato 2013/2014. Nas camadas jovens, em jogos a contar para a Taça do Minho, os escolares, infantis e iniciados do RAHC jogaram na tarde de sábado em Famalicão frente ao Famalicense Atlético Clube. Os infantis e os iniciados venceram os seus jogos por 1-5 e 3-4, respetivamente. Já os escolares perderam por 5-4.


sport: 15 de maio de 2014 31

modalidades

AA Didáxis fecha pódio da 3ª Divisão de Xadrez No passado fim de semana decor- mato concentrado em Guimarães reram as duas últimas sessões do (3ª divisão – série A). 56º Campeonato Nacional da 3ª DiA segunda e terceira equipas visão de Xadrez por Equipas no for- da Associação Académica da Didá-

xis defrontaram-se na penúltima sessão, prevalecendo o favoritismo da equipa A2D-AAD face à equipa AAD – NXVSC “B”. Na última sessão, ambas as equipas famalicenses assinalaram uma derrota por 3-1 perante o Clube de Xadrez de Barga “A” (2º classificando) e a equipa B do CX Escola João de Meira (6º classificado), respetivamente. Desta forma, a única equipa que esta época disputou os Nacionais de Xadrez Coletivo apenas com atletas do sexo feminino, a AAD-NXVSC “B”, não foi feliz e viuse assim afastada dos Campeonatos Distritais. Já a equipa A2D-AAD fechou o pódio absoluto, 3º lugar coletivo, alcançando 5 vitórias e 2 derrotas.

José Rodrigues venceu Maratona de Santo Tirso José Rodrigues, da UCVNF-SONITURISMO BIKE WORLD, venceu à geral (1º lugar) a II Maratona BTT de Santo Tirso, que decorreu no passado dia 1 de maio, a contar para o campeonato de XCM AC Porto. A União Ciclista participou ainda na Maratona de Estremoz, no domingo, uma prova cujo percurso se iniciou em Estremoz, com passagem pela Aldeia de Glória, subida ao alto de S. Gens (ponto mais alto da Serra d’Ossa), passagem pelo Castelo de Evoramonte e chegada a Estremoz pela tradicional subida ao Castelo. Nuno Jorge Inácio lidera o ranking em Masters A; Ricardo Gomes comanda igualmente em paraciclismo e José Rodrigues é 2º em Elites.

CRC conquista 2º lugar por equipas no Regional XCO

Liberdade: Catarina Araújo sagra-se vice-campeã Juvenil do Norte A atleta famalicense Catarina Araújo, do Liberdade Futebol Clube, sagrou-se, no passado sábado em Viana do Castelo, vice-campeã Juvenil do Norte na distância de 3.000 metros, com uma marca pessoal que permite a sua participação nos Campeonatos Nacionais de Juvenis. Nos mesmos campeonatos, competindo com atletas do escalão superior, participaram ainda os atletas do escalão de Iniciados do Liberdade, obtendo os seguintes resultados, nos 800 metros: João Sousa foi 10º classificado, Nuno Azevedo 37º, Susana Malheiro 10ª, Filipa Costa 30ª e Tânia Amorim 37ª. O Liberdade FC marcou ainda presença nas Provas de Preparação no Estádio 1º de Maio, em Braga, onde o júnior Hélder Salazar obteve o 5º lugar nos 3.000 metros. Destaque também para a dupla de Benjamins, Diana Costa (7ª na distância dos 600 metros) e Eduardo Salazar (4º). Referência ainda para o sénior Óscar Mendes que se deslocou a Viana do Castelo para participar no Grande Prémio de Atletismo de Cardielos a Correr, obtendo o 7º lugar. No passado dia 3 de maio, os atletas do Liberdade no Campeonato Regional Norte do Desporto Escolar em Guimarães. A dupla de Iniciados, Susana Malheiro e

João Sousa, sagrou-se campeã regional Norte do Desporto Escolar nos 1.500 metros e, uma vez mais, com novo recorde pessoal para João Sousa; a atleta juvenil Catarina Araújo obteve o 4º lugar. De mencionar ainda a presença nas Provas de Preparação de Pista Ar Livre em Braga, nos dias 3 e 4 de maio. Tânia Silva, que tenta regressar após doença, obteve o 2º lugar nos 1.500 metros e o 3º lugar nos 800 metros; e o júnior Hélder Salazar, que regressa após nove meses de paragem por lesão, ficou em 3º nos 1.500 metros e regressou às vitórias nos 800 metros.

Decorreu no passado dia 11 de maio, a 5ª prova do Campeonato Regional Minho BTT XCO, que se disputou em Gondar (Guimarães) com o 14º BTT XCO Gondar Jovem/CNE – Taça Manuel Abreu. A equipa CRC Garbo/Vegas Cosmetics esteve presente com todos os atletas de BTT e alcançou o 2º lugar na classificação de Escolas. A nível individual, destaque para Miguel Sousa que venceu a corrida em Juvenis. Neste escalão, César Costa foi 4º e Pedro Sampaio 10º. Nos Benjamins, David Ferreira conquistou o 2º lugar do pódio e Nélson Silva terminou em 5º. Nos femininos deste es-

calão, de realçar o 2º posto conseguido por Ana Costa. Mais duas atletas alcançaram o pódio, desta vez, em infantis: Beatriz Pereira (2º) e Rute Silva (3º). Neste escalão, nos masculinos, Tiago Dias acabou a corrida no 6º posto. Por fim, nos cadetes, Tiago Araújo foi 4º e Pedro Martins 15º. No passado dia 4 de maio, Nuno Vieira, Veterano A, terminou em 2º lugar na prova que ligou a Póvoa de Varzim a Mondim de Basto. Mais especificamente, o atleta famalicense demorou 3h58m24s para chegar ao Alto da Srª da Graça, no “Memorial Bruno Neves”.

ACV no GP de Landim Tomatubikers com três atletas em 1º

ACM/Eduardo Santos

O Campeonato Regional de XCO do Minho teve mais uma prova no passado dia 11 de maio. Mais uma vez estiveram presentes os atletas da Tomatubikers. Em Pupilos, o destaque vai para o 1º lugar feminino de Luna Carneiro, e nos masculinos, Rodrigo Pedroso terminou em 2º e Gonçalo Costa em 4º. Nos iniciados mais uma vitória: Paulo Fernandes foi o vencedor da

prova, Gabriel Carneiro foi 8º e Rúben Oliveira 10º. Em benjamins, Francisco Brás foi 9º. Nos cadetes, nas provas em linha, também foi um atleta Tomatubikers a vencer. António Azevedo foi o 1º a cortar a meta e viu o seu colega de equipa, Vítor Lima, fazer o mesmo pouco depois e desta forma ser o 2º classificado, Pedro Barbosa foi 13º, Francisco Ruivo 20º, João

Azevedo 21º e Pedro Carneiro 23º. Ainda em Cadetes, agora nos femininos, de destacar Ana Moreira que alcançou o 2º lugar. A atleta famalicense também está no 2º posto da classificação no campeonato. Também nas provas em linha, em juniores, Nuno Costa conquistou o 4º lugar. Na categoria de Infantis, Miguel Pedroso foi 5º classificado. Em juvenis, João Silva foi 16º, Gonçalo Dias 22º, Afonso Costa 23º e Diogo Silva 26º. Nos femininos deste escalão, Marta Costa terminou no 7º lugar. Pedro Martins foi o representante da equipa na categoria de elites onde obteve o 22º lugar. Na classificação por Escolas, a Escola Tomatubikers Famalicão conseguiu mais um pódio com a subida ao 3º lugar. A nível de Equipas, os Tomatubikers conseguiram igualmente o 3º lugar entre as 14 equipas participantes.

A secção de atletismo da Associação Cultural de Vermoim (ACV) participou no XII Grande Prémio de Atletismo de Landim, realizado no dia 1 de maio. Num total de 220 atletas, a ACV classificou todos os seus atletas nos primeiros lugares da tabela classificativa: Filipe Ribeiro (17º); Joaquim Ferreira (25º); 30º Vítor Costa; José Costa (36º); António Ferreira (48º).

ADECA compete em Landim e Joane A Associação Desportiva de Castelões (ADECA) marcou presença no Grande Prémio de Atletismo de Landim, no passado dia 1 de maio. Já no dia 4 de maio, a ADECA participou na prova da ATC, em Joane. Em Landim, destaque para Miguel Torres que alcançou o 1º lugar no escalão de Iniciados, onde Kika Simões terminou em 9º. De realçar ainda o 3º posto conquistado por Bruno Abreu, nos Juvenis, escalão onde David Azevedo foi 10º. Os Juvenis da ADECA conquistaram ainda o 2º lugar por equipas. Quem também obteve o 2º posto por equipas foram os Benjamins. Neste escalão Gonçalo Araújo terminou em 4º lugar, Vasco Ribeiro foi 5º e Bruno Silva 8º. Na prova do ATC, os atletas da ADECA em destaque foram João Barros (4º lugar em Juvenis), David Azevedo (4º lugar em Iniciados) e Filipe Barros (5º lugar em Benjamins).


32

sport: 15 de maio de 2014

modalidades/motores

Atleta da EARO sagrou-se campeão juvenil O atleta Bruno Sampaio, da Escola de Atletismo Rosa Oliveira (EARO), sagrou-se campeão da Zona Norte em Juvenis, nos 3000 metros em Viana de Castelo, no passado dia 11 de maio. Na mesma prova, Sara Dias Oliveira classificou-se em 3º lugar com recorde pessoal e Nelson Oliveira em 5º, ambos nos 800 metros. No mesmo dia, a EARO participou nas provas de Preparação da Associação de Atletismo de Braga, no Estádio 1º de Maio, com os atletas mais jovens. Na prova dos 600 metros Benjamins A participaram Lara Pereira, Leonor Silva e João Moura. Em Benjamins B estiveram presentes Daniel Moura e Ana Marinho, que venceu a sua prova. Nos Infantis disputaram lugar Beatriz Fernandes, Bruna Ortiga, Lara Silva, Lara Oliveira, Rui Filipe e Bruno Oliveira. Na prova dos 800 metros participou Rui Oliveira, Sílvia Dulce Oliveira, Rosa Oliveira e Hermínia Pereira e, por último, nos 3.000 metros correu José Araújo. No fim de semana anterior, a EARO participou no Torneio Atleta Completo + Provas Extras da AA Braga. Referência para esta última prova, onde, na prova dos 800m, Sara Oliveira, atleta ainda juvenil, foi 2ª classificada e Nelson Oliveira, também juvenil, terminou em 4º.

FC Famalicão sorteou prémios Foram conhecidos, domingo passado, os números premiados do “grande sorteio da época 2013/2014” em benefício do Departamento de Formação do Futebol Clube de Famalicão. O sorteio realizou-se nesse dia, no intervalo do jogo em casa frente ao FC Felgueiras 1932, com vitória e manutenção para o FC Famalicão. O primeiro prémio, uma Scooter (Wangye 125cc), coube ao nº 4815; o segundo prémio, uma máquina de lavar roupa (LG 7 kg 1200rpm), vai para o nº 4494; e o terceiro prémio, um equipamento oficial do clube, saiu ao nº 2069.

Centro Ciclista de Avidos no 12º Circuito de Palmeira O Centro Ciclista de Avidos/Metalização A. Lemos participou no 12º Circuito de Palmeira/Prémio Peixoto Alves, no passado dia 11 de maio. A prova foi disputada ao longo de 58 quilómetros e teve início em Palmeira, na estrada nacional (EN) 101, Braga. Num total de 73 corredores à par-

tida, na categoria de Juniores, destaque para o 3º lugar do jovem da equipa de Avidos, Álvaro Ferreira, a escassos segundos do 1º lugar. O ciclista Miguel Coelho conquistou o 9º lugar na mesma prova. Por equipas, o Centro Ciclista de Avidos/Metalização A. Lemos obteve o 4º lugar com o mesmo tempo da equipa vencedora.

Pesca Landinense alcança 1º lugar em iniciados

Mauro Marques aposta nos GT3 para 2014

O jovem piloto famalicense Mauro Marques tripulou com sucesso, nos dois últimos anos, um Aston Martin Vantage V8 nos campeonatos português, ibérico e europeu da categoria GT4. Em 2014, Mauro Marques vai repetir a aposta nos GT, mas desta feita optando pela categoria onde competem os carros mais potentes, a GT3. O piloto famalicense esteve recentemente em Inglaterra, onde testou no Circuito de Silverstone, um Audi R8 LMS GT3 da equipa britânica Blendini Motorsport. O piloto luso vai disputar algumas provas no estrangeiro na categoria GT3. “A minha primeira experiência com este carro correu muito bem, sinto que foi um teste muito positivo. Apesar do péssimo tempo que se fez sentir, com muita chuva, deu para ver que o carro é muito bom. O Audi R8 GT3 é muito diferente do Aston Martin que conduzi, muito mais potente e obviamente bem mais rápido, o que constitui um aliciante desafio para 2014”, explicou o jovem piloto de apenas 21 anos. Ainda em aberto está a possibilidade de Mauro Marques participar em outras provas de GT, tudo dependendo dos novos testes a efetuar e das negociações que ainda decorrem. Adivinhase por isso um ano exigente para o piloto famalicense, com novos e difíceis objetivos, assim como muitos desafios.

Equipa famalicense lidera nacional de Navegação 4x4 A equipa famalicense Mastertt.com/Profender Shocks é neste momento líder do Campeonato Nacional de Navegação 4x4, competição sob a égide da Federação Portuguesa de Todo Terreno. Formada por Luís Menezes e Nuno Pimentel, a equipa de Famalicão tem sido a mais regular do pelotão nacional ao obter dois segundos lugares, um em Coruche a apenas 10 pontos do vencedor, e outro no Estreito onde consolidou a primeira posição do campeonato. Com estes dois resultados, em 6 provas, a MasterTT.com/Profender Shock é considerada uma das candidatas ao título nacional. Os famalicenses, ao volante do Jeep Wrangler JK Rubicon, disputam a próxima ronda do campeonato em Baião. Depois seguem-se ainda as provas de Famalicão, Sobral de Monte Agraço e Benedita.

BTT4ALL na Maratona de Santo Tirso A Associação Pesca Desportiva (APD) Tílias – Landinense organizou, no passado dia 3 de maio, um concurso de Pesca Desportiva de Boia e Feeder, que teve lugar na Pista de Pesca de Vila das Aves. Destaque para o 1º lugar conquistado em Iniciados pela Filipa Costa, da APD Tílias – Landinense. Já em Pesca à Boia, o 1º lugar foi alcançado por Márcio, da AP de Vila das Aves. Por sua vez, em Pesca ao Feeder, o 1º lugar ficou entregue a André, da AP Merlim. O escalão feminino de Iniciados da APD Tílias – Landinense estará presente, no próximo dia 18 de maio, na pista de Vilas das Aves para a sua 3º prova do regional Norte.

A BTT4ALL participou, com 6 atletas, na Maratona de Santo Tirso, que decorreu no passado dia 1 de maio. Marco Costa esteve em destaque ao vencer a meia-maratona em Elites. Luís Gouveia também alcançou o pódio ao terminar em 2º lugar, na maratona, por Elites. Na meia-maratona participaram ainda Bruno Morais (6º em Elites) e Fábio Machado (10º em Elites). Já na maratona correram ainda Bruno Pereira (11º em Veteranos A) e Luís Santos (12º em Veteranos A).


Os1149