Page 1

pub

Partido tem como objetivo eleger um vereador nas próximas autárquicas

José Luís Araújo é o candidato do BE à Câmara ANO 21 • Nº 1097

DE 16 A 22 DE MAIO DE 2013 DIRETOR: JOÃO FERNANDES

www.opiniaopublica.pt pub

ACES diz que clínico chega segunda-feira e garante que extensão de saúde não vai fechar

NOVO MÉDICO VAI REFORÇAR CONSULTAS EM ARNOSO A partir de segunda-feira, um novo médico vai dar consultas na Extensão de Famalicão, no final de uma reunião com o deputado famalicense do PS, de Saúde de Arnoso Santa Maria, duas vezes por semana, para colmatar a Nuno Sá, a pedido deste. A população teme pelo encerramento da extenfalta de clínicos naquela unidade. A garantia foi dada pelo diretor do ACES são de saúde mas o ACES também afiançou que isso não acontecerá. p 12

Adeptos festejaram em delírio, no passado domingo, o feito do clube

Festa da Flor encheu a cidade Ninense faz de cor e alegria P. 8

história e sobe à II divisão nacional Opinião Sp or t

Camilo, Bernardino e Soledade vão à discoteca no Dia Internacional dos Museus P. 18

Citeve encerra Academia Inovação encorajando os jovens a apostar no têxtil P. 5

Famalicão cria novo projeto em rede virado para a inclusão P. 4 pub

opiniãoespecial

Dia da Criança e Infância


2

pública: 16 de maio de 2013

Millenium assaltado Dois homens encapuzados e envergando capacete na cabeça assaltaram, na tarde de quinta-feira da semana passada, a dependência bancária do Millennium BCP, situada no Edifício Atlanta Park, na Avenida Carlos Bacelar, junto aos Bombeiros Famalicenses. Os assaltantes, que estavam munidos com uma arma de fogo, ameaçaram os funcionários e levaram 500 euros. Depois, fugiram de moto. A PSP de Famalicão esteve no local, mas o caso passou para a alçada da PJ de Braga.

Lions realiza Jantar da Família A direção do Lions Clube de Famalicão decidiu, por unanimidade, na reunião do passado dia 9, comemorar a partir do presente ano, no Jantar Mensal do mês de maio, o Dia da Família, passando a designar esse jantar como Jantar da Família., que vai decorrer no próximo dia 28, pelas 20h30, na sede social do clube. Entendendo que o contexto familiar é a base de toda a estrutura social, o Lions de Famalicão considera de “extrema relevância a comemoração deste dia, nos seio da família Lions, aproveitando o momento para consciencializar a comunidade famalicense para a importância da família na rede de suporte formal e informal de cada cidadão”.

USF debate o papel dos avós A Universidade Sénior de Famalicão (USF) promove no próximo dia 22 de maio, pelas 15h00, na Casa das Artes, uma palestra subordinada ao tema “O Papel dos Avós no Séc. XXI”. A iniciativa, que conta com a colaboração da Associação Pediátrica do Minho, tem como oradores convidados o pediatra José Manuel Oliveira e a psicóloga clínica Sandra Santos. O objetivo é abordar a importância dos avós na educação dos netos, nos dias de hoje. Para a presidente da USF, Fernanda Costa “este é um tema atual e de grande importância e utilidade para todas as famílias”.

Júlio Brandão promove caminhada No âmbito das atividades da Associação de Pais da Escola EB 2,3 Júlio Brandão, realizase esta sexta-feira, dia 17, a II Caminhada Noturna Solidária, com início às 21h30, na escola. A caminhada é dirigida a todos os pais e encarregados de educação, alunos, professores e funcionários. A inscrição é permitida a todos que queiram participar e está sujeita à entrega de um bem alimentar que será doado à Associação Dar as Mãos, instituição de solidariedade do concelho de Famalicão. A iniciativa é realizada, este ano, em parceria com o Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco.

FICHA TÉCNICA CONSELHO EDITORIAL:

Alexandrino Cosme, António Cândido Oliveira, António Jorge Pinto Couto, Artur Sá da Costa, Cristina Azevedo, Feliz Manuel Pereira, Joaquim Loureiro, João Fernandes, Manuel Afonso e Almeida Pinto.

DIRECTOR: João Fernandes (CIEJ TE-95)

jfernandes@opiniaopublica.pt

CHEFE DE REDACÇÃO:

Cristina Azevedo (CPJ 5611) cristina@opiniaopublica.pt

cidade

Iniciativa culminou no evento “Parking Day” no Parque da Devesa

Yupi acolheu visita de estudo de formadora cabo-verdiana No âmbito do projeto RED (Reconhecimento, Empoderamento e Desenvolvimento do Trabalho com jovens e Voluntarido) financiado pela Comissão Europeia, a associação famalicense Yupi acolheu, de 26 de abril a 12 de maio, uma psicóloga de Mindelo (Cabo Verde) para partilhar boas práticas. O Centro de Juventude de S. Vicente e a YUPI partilham uma Bolsa de Voluntariado Juvenil (no caso famalicense o Time4U) e trabalham para a mesma missão, embora utilizem caminhos e metodologias distintas, “pelo que a troca de experiências foi muito interessante e útil para os envolvidos”, informa a Yupi em nota à imprensa. A associação diz que, através desta troca, foi possível desenvolver alguns planos comuns que passam pela implementação de um Passaporte do Voluntário que tem por objetivo valorizar o percurso de cada voluntário e atri-

buir regalias e benefícios curriculares ao próprio voluntário. Na programação da visita foi possível dar a conhecer a dinâmica associativa local, o contato com técnicos e autoridades locais na área da juventude e cultura, assim como conhecer diversos projetos no terreno na área da sexualidade, saúde escolar e promoção de comportamentos saudáveis pelos jovens. A YUPI também beneficiou de um programa de formação sobre educação não formal e gestão de projetos de voluntariado por parte da formadora na visita de estudo, capacitando mais de 10 jovens no trabalho associativo local. O dia 12 de maio foi um dos momentos mais marcantes da visita de estudo já que foi alvo de uma “intervenção de rua”, que teve lugar nas Hortas Sociais do Parque da Devesa. Desta forma, a YUPI esteve presente nos dois talhões destinados ao projeto “Hor-

Psicóloga cabo-verdiana também deu formação

tas Sociais” a implementar com voluntários do Time4U e Banco Local de Voluntariado, para dar visibilidade e informar sobre a possibilidade de aderir a este projeto, assim como informar de todos os outros projetos que a associação desenvolve em prol dos jovens e da comunidade famalicense em geral. O dia culminou numa experi-

mentação e demonstração de uma oficina de percussão orientada pelo monitor Franklim Monteiro (da associação brasileira parceira ECFA) que conduziu os participantes numa descoberta da espontaneidade da música através de instrumentos reutilizados e construídos pelas crianças e jovens da Urbanização das Bétulas.

Evento encheu o polidesportivo da escola

Sarau gímnico envolveu mais de 200 alunos da D. Sancho Fazendo parte das atividades do grupo de educação física da Escola Secundária D. Sancho I para o presente ano letivo, realizouse, no passado dia 10, um sarau gímnico que envolveu mais de duas centenas de alunos. Através dos vários trabalhos apresentados, deliciaram encarregados de educação, professores, assistentes técnicos e operacionais, alunos e demais convidados que encheram por completo a bancada do novo polidesportivo da escola. A dança e a ginástica foram as modalidades privilegiadas, tendo os alunos brindado a assistência com vários tipos de dança (latinas, clássicas, modernas, Jazz, hip-hop), bem como coreografias de ginástica acrobática de graus de dificuldade elevados. O Sarau ficou ainda enriquecido com uma demonstração de atletas dos trampolins de Santo Tirso, que efetuaram saltos que impressionaram todos os presentes pela sua dificuldade e invulgaridade, tendo suscitado nos

EDITOR DE TURNO:

Magda Ferreira (CPJ 4625) magda@opiniaopublica.pt

REDACÇÃO:

informacao@opiniaopublica.pt Carla Alexandra Soares (CICR-248), Cristina Azevedo (CPJ 5611), Magda Ferreira (CPJ 4625) e Sofia Abreu Silva (CPJ 7474).

DESPORTO: Jorge Humberto, José Cle-

mente (CNID 297) e Pedro Silva (CICR220).

A ginástica acrobática foi uma das modalidades que esteve em destaque

posição “A empresa mostra-se“ e assinado o protocolo de cooperação entre a Câmara Municipal, o Agrupamento de Escolas D. Sancho I e as empresas parceiras, a Argacol Tintas e Vernizes e a CEVE – Cooperativa Elétrica do Vale d’Este. O evento contou com a partiProtocolo cipação do vice-presidente da Câcom Arga Tintas e CEVE mara Municipal, Paulo Cunha; do No passado dia 22 de abril, vereador do pelouro da Cultura e no âmbito do projeto “A empresa Desporto, Leonel Rocha; do rena escola”, foi inaugurada a ex- presentante da Arga Tintas, André alunos vontade de experimentar. No final, o público demonstrou a sua satisfação, através de uma forte ovação, tendo ficado nos organizadores a consciência que “valeu a pena a entrega e o esforço despendidos pelos professores e alunos envolvidos”.

GRAFISMO:

Carla Alexandra Soares, Pedro Silva.

APOIO À REDACÇÃO: Jorge Alexandre

OPINIÃO: Adelino Mota, Barbosa da Silva,

Domingos Peixoto, Gouveia Ferreira, J. Mário Teixeira, Joaquim Loureiro, José Luís Araújo, Sílvio Sousa, Vítor Pereira.

GERÊNCIA: João Fernandes

CAPITAL SOCIAL: 350.000,00 Euros.

DETENTORES DE MAIS DE 10% DO CAPITAL Feliz Manuel Pereira António Jorge Pinto Couto

SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS: Francisco Araújo

TÉCNICOS DE VENDAS:

comercial@opiniaopublica.pt Agostinha Bairrinho, Maria Fernanda Costa e Sónia Alexandra

PROPRIEDADE E EDITOR:

EDITAVE Multimédia, Lda. NIPC 502 575 387

Vieira de Castro, e do representante da CEVE, Carlos Costa. O projeto “A Empresa na Escola” pretende transferir práticas e conhecimentos do mundo empresarial para as escolas e promover iniciativas de interligação entre a escola e a estrutura económica local, como meio de desenvolvimento de competências. António Pinto, diretor do Agrupamento, frisou que este é um exemplo da abertura da escola à comunidade e de cooperação com a estrutura económica da região. Uma ideia partilhada pelos representantes das empresas que se congratularam com o evento e mostraram disponibilidade para outras atividades e participações. Já Paulo Cunha apelou aos jovens para aproveitarem as oportunidades que este projeto propicia, reforçando a ideia central de que mais importante do que saber, é aprender e estar disponível para a aprendizagem constante ao longo da vida.

SEDE, REDACÇÃO E PUBLICIDADE:

Rua 8 de Dezembro, 214 Antas S. Tiago 4760-016 VN de Famalicão

INTERNET

www.opiniaopublica.pt

CONTACTOS Redacção:

Tel.: 252 308145 • Fax: 252 308149

Serviços Administrativos:

Tel.: 252 308146 / 252 308147 • Fax: 252 308149

IMPRESSÃO:

Naveprinter - Indústria Gráfica do Norte, SA Estrada Nacional, 14 - Maia

DISTRIBUIÇÃO:

Motivação em Marcha - Publicidade, Lda.

TIRAGEM DESTE NÚMERO: 20.000 exemplares, nº 1097

NÚMERO DE REGISTO: 115673 DEPÓSITO LEGAL: 48925/91


publicidade

pĂşblica: 16 de maio de 2013 3


pública: 16 de maio de 2013

cidade

Famalicão celebra “Play for Peace” com Nuno Delgado e milhares de ativistas

Anti-Monumento à Guerra dá mote a jornada pela paz No próximo dia 21 de maio, Famalicão celebra o 3º aniversário do seu Anti-Monumento à Guerra, único no mundo, com uma jornada celebrativa que se centrará no Parque da Juventude, com a presença do mestre de judo Nuno Delgado e de muitas outras personalidades e milhares de ativistas em prol de uma Cultura pela Paz. É o dia “Play For Peace” lançado pelo Núcleo de Crianças da Amnistia Internacional em parceria com o Município de Famalicão. Segundo a autarquia, esperase uma grande manifestação pela paz, que conta com o envolvimento da comunidade educativa famalicense e da própria sociedade civil local. A comemoração arranca logo pela manhã, com o início da ação “War Toy On My War: The story of an anti-monument”, que prevê a realização de diversos workshops onde são exploradas metodologias artísticas de desmontagem e onde acontecerá a destruição de brinquedos bélicos que vão ser integrados no Anti-Monumento à Guerra, localizado no Parque da Juventude. A partir das 14 horas, o judoca português Nuno Delgado (primeira medalha olímpica para Portugal na disciplina de judo) vai realizar uma mega aula de judo, dando continuidade ao movimento “Superar, Autoconhecimento & Solidariedade” por si lançado e que vai de encontro à filosofia do “War Toy On My War”. Será o momento alto do dia, que juntará várias gerações de pessoas e que terminará com um mega abraço entre os milhares de ativistas esperados, pro-

movido pelo movimento “Free Hugs – Abraços Grátis”. Esta é a forma que o Núcleo de Crianças da Amnistia Internacional encontrou para assinalar o Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e Desenvolvimento, reforçando o seu trabalho de promoção de uma cultura pela paz. Um concerto com vários artistas concluirá a jornada de sensibilização, numa festa coletiva para a promoção de um mundo mais justo, fraterno e onde cada ser humano é tratado como tal. Recorde-se que o Anti-Monumento à Guerra foi inaugurado em 2010 no âmbito das comemorações dos 50 anos da Declaração Universal dos Direitos das Crianças e dos 20 anos da convenção sobre os direitos das crianças. É um monumento único no mundo, resultado de uma proposta do Núcleo de Crianças da Amnistia Internacional ao município famalicense que acolheu a ideia. Da autoria de Alexandre A. R. Costa e Jorge Fernando dos Santos, o anti-monumento foi inspirado num paiol de munições, convertido subversivamente num espaço expositivo, um minimuseu de objetos e brinquedos bélicos destruídos. Nas palavras do escultor Alexandre Costa, “é uma obra que nos transporta à produção de sentido crítico sobre uma determinada sociedade que produz artefactos bélicos, para adultos e crianças; a mesma que assenta em pressupostos e hábitos consumistas, nos quais as crianças são apanhadas em pleno jogo de sedução cruel e incitamento à violência".

Cartaz do evento exposto na torre do edifício dos Paços do Concelho

Opinião é do secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário a propósito deste projeto social

“Famalicão Inclusivo” é um exemplo para o país

António Freitas

4

Sessão de apresentação decorreu em Seide S. Miguel

Carla Alexandra Soares um conjunto de medidas que estamos a colocar no terreno, numa “Esta iniciativa é importantíssima lógica de proximidade”, disse, reao nível daquilo que todos nós de- ferindo-se em concreto às instituisignamos da inclusão. Mais uma ções que atuam na área da defivez Famalicão está à frente, sendo ciência, que verão o aumento de que com estas lições também o protocolos com a Segurança SoGoverno aprende”. Esta afirmação cial, e ainda uma nova portaria é do secretário de Estado do En- que permitirá facilitar o acesso de sino Básico e Secundário e foi pessoas portadoras de deficiênfeita na passada sexta-feira, 10 de cia ao ensino superior. maio, na apresentação do projeto “Famalicão Inclusivo”. “Famalicão O novo projeto social “Famalitem feito o seu trabalho” cão Inclusivo”, que foi apresenTambém presente na apresentado no Centro de Estudos Cami- tação do novo projeto, o presilianos, em Seide S. Miguel, foi dente da Câmara defendeu que as desenvolvido pela Rede Social, autarquias devem trabalhar na que envolve cerca de 150 institui- perspetiva da correção das assições famalicenses. Tem como ob- metrias sociais, sendo o catalisajetivo primeiro promover respos- dor de métodos e vontades e, tas adequadas para a inclusão neste contexto, a ação social deve social de todos os cidadãos, no- aparecer como uma das prioridameadamente pessoas portadoras des estratégias. No município de de deficiências, pessoas caren- Famalicão, sustentou, esse trabaciadas financeiramente, idosos lho tem sido feito onde existem desfavorecidos, entre outros. Para mais de 150 instituições a trabaisso foi criado um grupo de traba- lhar em rede. “Não podemos adlho temático que já começou a tra- mitir a persistência de situações balhar no terreno. de exclusão e discriminação soTecendo rasgados elogios à cial. Temos, cada vez mais, de unir política social da autarquia fama- esforços para que Famalicão seja license, João Grancho vê o “Fama- um concelho solidário, coeso, licão Inclusivo” como sendo um justo e inclusivo”, defende. desafio estrategicamente bem giO edil diz que foi percorrido zado e de genuína harmonização um longo caminho no combate à social. Para o responsável, neste pobreza, à solidão, à discriminatempo de constrangimentos e im- ção social, ao racismo, mas com o previstos, não há política central “Famalicão Inclusivo” está-se a capaz de substituir o braço de dar mais um grande passo nesse quem está próximo e “de forma sentido, sublinhando o trabalho imediata acolhe e resolve os de- que está a ser desenvolvido nas safios dos seus patrícios”. escolas, nomeadamente na área João Grancho garantiu ainda da educação especial, com a coque o Governo está atento e segue laboração dos pais, professores e com atenção os bons exemplos e, equipas de intervenção precoce. nessa perspetiva, tem procurado “O combate à exclusão é um desenvolver políticas que respon- combate de igualdade, mas é sodam à demanda da inclusão. “Há bretudo um combate de digni-

dade. Com este programa vamos diagnosticar, mas vamos sobretudo intervir, derrubando barreiras, partilhando boas práticas e fazendo circular informação”, concluiu. E, precisamente, essa partilha de boas práticas é destacada pelo vereador da Educação, que apresentou o programa. Leonel Rocha adiantou que se concluiu que era necessário reunir todas as atividades que até aqui eram estanques. Agora, com esta rede de parceiros, serão partilhadas boas práticas, informação e sinergias. “Nessa perspetiva tivemos que avançar com uma rede, em que esta realidade fosse vista duma forma mais global, que abrangesse todas as áreas de inclusão”, resumiu. O primeiro passo para a criação do “Famalicão Inclusivo” foi fazer um diagnóstico acerca do que existe em Famalicão, nomeadamente no campo das respostas às pessoas portadoras com deficiência, às Necessidades Educativas Especiais, à Intervenção Precoce, e depois também à sequencialidade da escola, nomeadamente a inserção no mundo de trabalho. “A conclusão inicial que tiramos foi que as próprias instituições não se conheciam a ponto de saber que tipo de recursos é que têm, que tipo de respostas é que dão, de que forma é que podem complementar. Percebendo isto, procuramos obter informação junto das instituições para começar a criar uma rede de respostas que possa ser integrada”, explicou. veja em www.famatv.pt ou


pública: 16 de maio de 2013 5

cidade

Citeve e Microsoft encerraram “Academia Inovação” com 14 projetos gerados

Têxtil apontado como setor atrativo para os jovens Cristina Azevedo A Indústria Têxtil e do Vestuário é um setor com futuro em Portugal e pode ser um setor atrativo para os jovens. Foi esta a principal ideia deixada na sessão de encerramento do programa “Academia Inovação”, promovido pelo Citeve em parceria com a Microsoft Portugal. O “Academia Inovação”, que decorreu nos últimos meses, envolveu mais de duas centenas de jovens licenciados, que se encontravam no desemprego e que foram convidados a desenvolver projetos de negócio inovadores. Entre os que completaram o programa, quase metade já conseguiu emprego. A iniciativa recebeu, por isso, os elogios do secretário de Estado do Emprego, Pedro Roque, para quem “projetos como este são importantes para o combate ao desemprego”, um flagelo que, reconheceu, atinge “níveis históricos” em Portugal e que “é o principal problema social com que o país se defronta atualmente”. Nesse sentido, o governante garantiu que o combate ao desemprego, e sobretudo ao desemprego jovem, “é a prioridade do Governo” mas defendeu que deve ser também “um desafio enfrentado por toda a sociedade”. “E exemplos como este, de inovação, são particularmente importantes”, referiu. Antes da sessão de encerramento do “Academia Inovação”, que decorreu no passado dia 8 de maio, no auditório do Citeve, Pedro Roque teve ainda oportunidade de realizar uma visita rápida às instalações deste centro tecnológico e manifestou-se “impressionado” com o trabalho que ali é realizado e com a “capacidade que a Indústria Têxtil e do Vestuário teve de dar a volta por cima”.

autarquia em prol dos jovens e anunciou que a nova Casa da Juventude, que será inaugurada em setembro no antigo colégio Camilo Castelo Branco, albergará uma incubadora de empresas para os jovens que pretendam desenvolver o seu próprio negócio. Poderá ser o caso de três dos jovens que frequentaram a “Academia Inovação”, que foram distinguidos como os melhores, entre os 14 projetos gerados (ver caixa) e que Armindo Costa convidou a ocupar três espaços na futura incubadora. Para o edil, “apoiar os jovens é garantir o futuro” e, nesse sentido, entende que a nova Casa da Juventude será “um espaço privilegiado para a o exercício da cidadania ativa dos nossos jovens, mas também As três jovens distinguidas pela Academia Inovação para apoio ao desenvolvimento das Incubadora de empresas bém o presidente da Câmara de Fa- suas ideias empreendedoras”. O secretário de Estado incentina Casa da Juventude malicão, Armindo Costa, que recorvou os jovens presentes na sessão veja em www.famatv.pt Presente na sessão esteve tam- dou o trabalho desenvolvido pela a aproveitarem o seu talento e a ou empreender. E neste aspeto sublinhou que “o Têxtil e Vestuário era apresentado, até há pouco tempo atrás, como um setor pouco animador, mas soube vencer as dificuldades e encontrar um rumo consentâneo com o desenvolviFrancisca Ruivo, Filipa Torres e Liliana Serra são as jo- tuário e calçado para equitação, a “Bell Ator”, que mento tecnológico e reganhar o vens autoras dos três projetos distinguidos no pas- concilia o design com a técnica. Liliana já tinha alguma seu dinamismo económico”. sado dia 8, no encerramento do programa “Academia experiência na área têxtil e resolveu ligar isso à paixão Na mesma linha de pensaInovação”. que tem pelo cavalo lusitano. “Conquistar quota de mento foi o diretor geral do Citeve, “Gest Code” foi o nome que Francisca Ruivo deu ao mercado, ir para o terreno e cativar todos os cavaleiBraz Costa, que apontou o Têxtil produto que desenvolveu e que se situa na área dos ros”, é agora o objetivo desta jovem criadora. como um setor “moderno e inovaserviços e tecnologia. Francisca é DJ e percebeu que Filipa Torres apostou na área do turismo e viu tamdor”. “Nunca como hoje fomos de“existiam algumas lacunas na diversão noturna”. bém distinguido o seu projeto “Littera”, que faz uma safiados a fazer busca de talenNesse sentido criou uma aplicação móvel, o “Gest junção entre a gastronomia e a literatura. “Quis que tos, nunca como hoje fomos Code”, que permite ao seu utilizador saber os bares e fosse possível às pessoas passarem a comer a literachamados a fazer um serviço perdiscotecas que estão próximos, que programa ofere- tura portuguesa”, explica. Como? Pegando num autor sonalizado de recrutamento de recem, que amigos do facebook já se encontram nessas e transformando-o num bolo. Esta licenciada em jorcursos humanos para as emprediscotecas. A meio da noite, a aplicação pode oferecer nalismo, com paixão pela cozinha, importa, assim, sas”, afirmou, entendendo que uma bebida e, terminada a noite, indicar o número dos para o design dos bolos as características literárias dos isso “são muito boas notícias portáxis, hotéis ou pensões próximas, e até descontos em autores portugueses e usa na sua confeção ingreque significa que as empresas esfarmácias. A aplicação é gratuita e já está disponível, dientes de um local biograficamente importante para tão com desafios”. E concluiu: tendo sido lançada oficialmente na passada sexta- o escritor. Filipa confeciona os bolos, mas o seu grande “são também boas notícias para feira, em Famalicão. Na área do têxtil foi distinguido o objetivo é delegar a produção e dedicar-se à comeras pessoas que ousaram fazer projeto de Liliana Serra que criou uma marca de ves- cialização, mantendo o conceito. uma carreira técnica orientada para os materiais têxteis”.

Os projetos distinguidos

Agrupamento Camilo assina protocolo com a Famasete No âmbito do projeto desenvolvido pelo município de Famalicão, “A Empresa na Escola”, foi assinado, no passado dia 23 de abril, um protocolo de cooperação entre o Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, a empresa Famasete -Tecnologias de Informação e a Câmara Municipal. A Famasete conta com 18 anos de existência, prestando serviços, na área das novas tecnologias. Atualmente, esta empresa constitui uma referência na comercialização de produtos tecnológicos e soluções inovadoras para a Educação, encontrandose inserida num grupo europeu de empresas vocacionadas para o fomento da produtividade empresarial e melhoria da

aprendizagem no ensino e na formação. Quer a direção do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, quer a da empresa mostraram uma satisfação comum, já que o referido protocolo reforça a parceria existente há alguns anos, em diversas iniciativas, como, por exemplo, na participação em seminários e no acolhimento de alunos em formação em contexto de trabalho. Concretamente, o Agrupamento pretende, através da assinatura deste protocolo de cooperação, a melhoria das condições e a adequabilidade dos conteúdos e ferramentas de trabalho às melhores práticas nos modelos de gestão do meio empresarial.


6

pública: 16 de maio de 2013

cidade

Armindo Costa entregou os cheques na passada sexta-feira

Ofertas de emprego

As ofertas de emprego divulgadas fazem parte da Base de Dados do Instituto do Emprego e Formação, IP. Para obter mais informações ou candidatar-se dirija-se ao Centro de Emprego indicado ou pesquise no portal www.netemprego.gov.pt utilizando a referência (Ref.) associada a cada oferta de emprego.

Oferta nº: 588092875 Profissão: FRESADOR MECÂNICO. Com experiência para Fresagem de Peças Simples e Complexas em Fresadoras Convencionais. Local: Ribeirão Oferta nº: 588091398 Profissão: COSTUREIRA, TRABALHO EM SÉRIE. Experiência na função: máquinas ponto corrido; corte e cose; fazer baínhas. Local: Castelões Oferta nº: 588091127 Profissão:COSTUREIRA, TRABALHO EM SÉRIE. Costureira com experiência minima de 3 anos em máquina de corte e cose - malhas. Local: Fradelos

Oferta nº: 588090791 Profissão: COSTUREIRA, TRABALHO EM SÉRIE. Pretende-se costureiras malhas/gangas/sarjas com experiência nas máquinas de corte e cose - ponto corrido; podem ser enviadas pessoas com pouca experiência. Local: Telhado

Oferta nº: 588090118 Profissão: COSTUREIRA, TRABALHO EM SÉRIE. Costureiras com experiência em pelo menos uma das máquinas: corte e cose, recobrimento, ponto corrido. Local: Oliveira Santa Maria

Oferta nº: 588089899 Profissão: COSTUREIRA, TRABALHO EM SÉRIE. Costureiras com experiência em ponto corrido (dld). Local: Carreira

Alerta-se para a possibilidade de ocorrência de situações em que a oferta de emprego publicada já foi preenchida devido ao tempo que medeia a sua disponibilização e a sua publicação. Para mais informações contactar o Centro de Emprego de Famalicão, na Alameda Padre Manuel Simões, 222, ou pelo Telefone 252 501 100

“Casa Feliz” contempla mais cinco famílias famalicenses O programa municipal “Casa Feliz” promovido pela Câmara de Famalicão beneficiou mais cinco famílias do concelho com melhores condições de habitabilidade. Na passada sexta-feira, o presidente da autarquia Armindo Costa, entregou os cheques do apoio às respetivas famílias e recordou que “o programa ‘Casa Feliz’ é uma das apostas municipais mais bem conseguidas, tendo em conta que contribui para uma melhoria acentuada das condições de vida das pessoas que mais necessitam”. E acrescentou: “o dinheiro é todo investido nas obras, uma vez que o projeto é desenvolvido pelos técnicos da autarquia”. Desta vez, foram investidos 19.500 mil euros em habitações das freguesias de Louro, Arnoso Santa Eulália, Lemenhe e Antas. De resto, a alegria e satisfação patente no rosto das pessoas demonstrava bem a importância desta medida de apoio social. Para Branca Cardoso, da freguesia de Antas, “a casa ficou como nova”. “Foram reparadas as paredes da cozinha e colocado azulejo, arranjaram os tetos e pintaram a casa”, salientou. Também Constantino Oliveira, da freguesia de Lemenhe, se mostrou muito satisfeito; “A casa estava cheia de humidade, devido a problemas no telhado. Com estas obras ficou tudo impecável”. Já o presidente da Junta de Freguesia de

Armindo Costa no momento da entrega do cheque a uma das famílias

Lemenhe, José Castro, salientou que “o programa está enquadrado numa política de solidariedade que tem sido bem desenvolvida pela Câmara Municipal”. E assinalou: “Conheço as situações em concreto e sem esta ajuda seria impossível realizar as obras necessárias”. Através do programa “Casa Feliz”, as famílias de escassos recursos económicos po-

Deputados portugueses espanhóis debateram questões comuns

Jorge Paulo Oliveira em Fórum Parlamentar luso-espanhol O famalicense, deputado do PSD eleito pelo círculo eleitoral de Braga, Jorge Paulo Oliveira, representou, nos dias 6 e 7 de maio, em Madrid, os parlamentares socialdemocratas no III Fórum Parlamentar Luso-Espanhol, que decorreu no Congresso dos Deputados. A comitiva portuguesa, integrando deputados dos dois maiores partidos com assento parlamentar, foi liderada por Guilherme Silva, vice-presidente do parlamento português. Celia Villalobos, vice-presidente do Congresso de Deputados espanhola foi a anfitriã do encontro onde, participaram delegações de 11 deputados de cada país. Segundo Jorge Paulo Oliveira, este fórum, que antecedeu a realização da XXVI Cimeira Luso- Espanhola, teve por objetivo “conceder uma vertente parlamentar aos encontros bilaterais entre os dois governos e, simultaneamente, contribuir de forma útil para o conteúdo substantivo das cimeiras, sem esquecer o desejável exercício de avaliação das relações

bilaterais entre Espanha e Portugal, ao longo dos últimos doze meses”. Das conclusões do Fórum, destaque para os apelos dos deputados do Congresso e da Assembleia da República aos governos de Espanha e de Portugal para continuarem a trabalhar em prol da melhoria progressiva e substancial das ligações rodoviárias e ferroviárias, designadamente na ligação ferroviária Porto-Vigo, numa primeira fase mediante disponibilização ao público de um bilhete único, e introdução de mecanismos de interoperabilidade dos sistemas de pagamento eletrónico de portagens, em especial nas exscuts. A aceleração dos esforços para o desenvolvimento das bases de um mercado ibérico do gás, o reforço da cooperação na luta contra o terrorismo, a delinquência organizada e o narcotráfico, bem como a renovação do acordo sobre pescas nas águas de ambos os países, constam de igual modo do documento das conclusões do Fórum.

dem ter acesso a um apoio financeiro da Câmara Municipal até 5 mil euros para a realização de obras de reparação da habitação própria. O programa foi lançado em 2005 e desde aí já foram concretizados mais de uma centena de processos de reabilitação de casas degradadas, tendo o município comparticipado com um total de mais de 500 mil euros.

Colégio Talvaizinho na Queima das Fitas do Porto No passado dia 5, o Colégio Talvaizinho participou no ECAP, evento organizado pela Federação Académica do Porto (FAP) e enquadrado na Queima das Fitas do Porto. A Tuna do Colégio foi convidada pela comissão executiva da FAP para fazer a abertura do Encontro de Coros Académicos do Porto. O convite surgiu do conhecimento que a comissão executiva teve sobre o projeto educativo desenvolvido no Colégio, relacionado com a utilização das linguagens artísticas, como facilitadores de aprendizagens globais. Esta Tuna é constituída pelas crianças do pré-primário e do 1º ciclo, e é uma das faces visíveis deste projeto educativo, em que estes alunos iniciam aos 5 anos de idade a aprendizagem do cavaquinho. Esta participação é encarada pela direção do Talvaizinho como um “reconhecimento do trabalho desenvolvido pela Colégio ao nível educativo, bem como, um reconhecimento do trabalho desenvolvido pelos alunos e pelos pais em articulação constante com a escola”. O espetáculo foi realizado no Auditório da Universidade Portucalense e estes tunantes tiveram um excelente reconhecimento pelos colegas universitários, ficando desde já a possibilidade de para o ano fazerem a abertura do FITA no Porto.


pública: 16 de maio de 2013 7

cidade

Bloco quer eleger um vereador nas próximas autárquicas

José Luís Araújo é o candidato do BE à Câmara Municipal Cristina Azevedo fiel de armazém na Continental Mabor. O atual deputado municipal do Alertando que as eleições deBloco de Esquerda, José Luís Araújo, correrão “num período extremaé o candidato do BE à Câmara Muni- mente difícil, numa altura da maior cipal de Famalicão, nas eleições au- crise de que há memória”, o canditárquicas deste ano. O anúncio foi dato antevê “tempos difíceis para feito, a semana passada, em con- as pessoas”. Por isso, defende que ferência de imprensa, pelo próprio a emergência social terá que ser a candidato, acompanhado do líder principal prioridade do próximo da distrital e membro da nacional executivo camarário. “O flagelo de do partido, Pedro Soares. um desemprego galopante, que O BE parte para as autárquicas afeta cada vez mais famalicenses, com o objetivo de eleger José Luís aliado a um insuficiente leque de Araújo como vereador e o candidato respostas sociais, exige uma mudiz-se preparado para exercer essa dança de paradigma na gestão mufunção, garantindo que o partido nicipal, com respostas efetivas e na Câmara Municipal será “o ga- proporcionais à crise social”, reirante do rigor e da transparência”. vindicou. O bloquista promete ainda dar, As críticas à coligação caso seja eleito para o executivo, PSD/CDS-PP que governa o munium contributo “importante e deci- cípio também não faltaram, consivo” para que todos os famalicen- cretamente ao mais recente anúnses “tenham acesso a serviços bá- cio de que irá apresentar 49 sicos essenciais, desde candidatos a 49 juntas de freguesia. abastecimento de água, sanea- “Sabemos que isso não é verdade mento básico, acessibilidades, porque, com o processo da reforma educação, desporto, cultura, am- administrativa autárquica, Famalibiente”. “Tudo aquilo que se es- cão deixará de ter 49 freguesias”, pera de um município moderno e começou por referir José Luís Araújo, desenvolvido que pensamos ser desafiando a coligação “a falar verpossível construir mesmo em tem- dade aos famalicenses”. pos de crise”, sublinha José Luís O BE reconhece que tem uma Araújo, 42 anos, natural de Sezures, grande batalha pela frente mas José

José Luís Araújo, ao centro, ladeado por Ana Marcelino e Pedro Soares

Luís Araújo mostra-se otimista num bom resultado eleitoral para o partido, afirmando que “os famalicenses sabem que podem contar com o Bloco”. “Nos últimos meses tenho sido abordado por muitos famalicenses que me incentivam a ser candidato, gente anónima, gente com quem me cruzo todos os dias na rua”, refere, acrescentando que esta

candidatura quer “trazer gente nova para a cena política”, até porque “este é um tempo de grandes mudanças e de muita exigência”. Para o líder da distrital de Braga, Pedro Soares, José Luís Araújo é o melhor candidato que o BE poderia ter, salientando o seu percurso enquanto trabalhador da maior empregadora do concelho, mas tam-

bém a sua intervenção política, quer como deputado da Assembleia Municipal de Famalicão, quer como dirigente da concelhia e da distrital do BE. “É um famalicense que conhece a realidade do concelho como poucos”, vincou. veja em www.famatv.pt ou pub


8

pública: 16 de maio de 2013

cidade

Muita cor e alegria na Festa da Flor de Famalicão

Batalha das flores atraiu milhares ao centro da cidade A Festa da Flor voltou a encher de cor e alegria as principais ruas do centro da cidade de Famalicão. Esta é uma tradição que remonta ao início dos anos 60 no concelho famalicense e que estava adormecida há já alguns anos, tendo sido recuperada pela Câmara Municipal. Este ano o ponto alto do programa do evento foi o desfile da ‘Batalha das Flores’, que no passado domingo à tarde encheu as ruas da cidade de cor e de público. Entre os espectadores estava o vice-presidente da Câmara Municipal que considerou que esta “é uma iniciativa inteiramente ganha, com muita adesão das pessoas”. Paulo Cunha salientou também que é com atividades como esta que se “criam condições para ter um centro da cidade animado, que cative não só os famalicenses como até forasteiros”. “É bom para o comércio tradicional e para os nossos empresários, num contexto difícil, ter estes milhares de pessoas na cidade”, acrescentou.

O desfile contou com os carros alegóricos da Junta de Freguesia de Oliveira S. Mateus, da Associação Unidos de Avidos e da Associação Cultural São Salvador da Lagoa, para além das fanfarras dos escuteiros de Delães e Vale S. Cosme e dos grupos infantis e juvenis de Danças e Cantares de Joane e de Santiago de Gavião. De resto, Paulo Cunha elogiou a envolvência das instituições famalicenses, dando os parabéns a todos quantos tornaram possível a realização do desfile e de toda a festa. “Com custos irrisórios conseguimos fazer dois dias de grande festa”, concluiu. O desfile foi apenas um dos momentos da Festa da Flor que, logo na abertura, exibiu um tapete de flores naturais que cobriu parte da Praça D. Maria II. Ao longo do evento foram ainda realizados vários ateliês de arte floral e pintura. veja em www.famatv.pt ou

Autarca entregou prémios aos melhores alunos

Armindo Costa realça importância da Lusíada em Famalicão “A chegada da Universidade Lusíada a Famalicão representou um marco muito importante para a imagem, credibilidade e crescimento do concelho”. Foi com estas palavras que o presidente da Câmara Municipal, Armindo Costa quis reafirmar a importância do trabalho desenvolvido por aquela instituição de ensino superior, precisamente no Dia da Lusíada de Famalicão, que se assinalou no passado sábado. Armindo Costa, que obteve a sua formação em arquitetura nesta universidade, aproveitou a festa anual da instituição para destacar o trabalho desenvolvido como “essencial ao desenvolvimento de Portugal, que não pode ignorar e desvalorizar quem produz conhecimento”. E realçou a importância que a Lusíada de Famalicão “teve, tem e terá para milhares de jovens portugueses que aqui se formam e preparam, para competirem entre os melhores das suas áreas de formação.”

No decorrer da cerimónia, o autarca famalicense premiou os alunos que concluíram com melhor nota os seus cursos nas Faculdades de Arquitetura e Artes, Ciências Empresariais e Engenharia. Com a atribuição deste prémio, no valor total de 3 mil euros, a autarquia procura incentivar o bom desempenho e a dedicação dos alunos que frequentam o ensino superior em Famalicão. Estes prémios, intitulados “Câmara Municipal de Famalicão”, surgem na sequência do protocolo de colaboração celebrado entre a autarquia e a Lusíada, em Julho de 2009, onde, para além do valor dos prémios, a Câmara Municipal comprometese a colocar ao dispor dos alunos diversos meios de consulta como a cartografia e planos de Ordenamento Territorial Urbano, para além do apoio à realização de trabalhos desenvolvidos por alunos finalistas, no âmbito do Trabalho

Presidente da Câmara participou nas celebrações do Dia da Lusíada

de Tese do Curso de Arquitetura, e a possibilidade dada aos finalistas e recém-licenciados de participarem em ações de formação promovidas pela autarquia.

Por sua vez, a Universidade Lusíada compromete-se a disponibilizar os trabalhos desenvolvidos relativamente ao território concelhio e possibilitar aos qua-

dros e técnicos da autarquia a participação nos cursos intensivos, palestras e conferências, organizados por si, entre outras ações.


pública: 16 de maio de 2013 9

cidade

Eurodeputado interveio em debate sobre a Europa realizado em Famalicão

Nuno Melo critica falta de solidariedade entre países europeus Magda Ferreira “falhou”, em seu entender, quando começou a dar “passos A falta de solidariedade entre os demasiadamente acelerados na países europeus é, para o eurode- integração política”. Recordando putado Nuno Melo, um dos princi- as palavras de Robert Schuman, pais problemas atuais da União um dos principais obreiros do proEuropeia. A ideia foi defendida jeto europeu, Nuno Melo quespelo famalicense durante um de- tiona, hoje, a solidariedade entre bate sobre a Europa realizado em os seus membros, preconizada Famalicão no passado dia 9 de como um pilar da construção eumaio, precisamente o Dia da Eu- ropeia. ropa. O famalicense acredita no fu“Europa, uma oportunidade turo da Europa, defendendo que real?” era o tema do debate, que se devem aproveitar as diferenças decorreu no auditório da Escola entre os vários estados membros, Superior de Saúde do Vale do Ave em vez de procurar esbatê-las. “É e foi organizado pelas comissões nessas diferenças que a Europa sociais inter-freguesias de Brufe, pode crescer”, considera, dizendo Gavião e Famalicão e de Antas e acreditar numa Europa “que conCalendário. Além do eurodepu- tinue a aperfeiçoar espaços de tado, contou ainda com a pre- mercado”. sença do vice-presidente da CâPara que tal aconteça, o famamara de Famalicão, Paulo Cunha. license considera que é tempo de Nuno Melo começou por afir- mudar o rumo que tem vindo a ser mar que não havia melhor local seguido nas últimas décadas e para assinalar o Dia da Europa do que muitos prejuízos trouxe a Porque vir a Famalicão, concelho de tugal, referindo-se, em concreto, onde é natural e onde é também às cotas de produção que o nosso presidente da Assembleia Munici- país cedeu em troca dos milhões pal. de euros de fundos estruturais O eurodeputado lembrou que que recebeu. “Deixamos de proa União Europeia funcionou en- duzir em várias áreas, começamos quanto projeto de paz e de coope- a pescar menos, começamos a deração entre os seus estados, mas preciar a nossa agricultura, pres-

Nuno Melo foi eleito deputado ao Parlamento Europeu em 2009

cindimos de muita indústria”, enumerou Nuno Melo, lembrando que estas decisões colocaram Portugal numa situação de dependência externa e de perda de influência nos mercados. Neste âmbito, o eurodeputado voltou a censurar a abertura da Europa aos têxteis do Paquistão e também aos produtos hortícolas

de Marrocos, enunciando novamente a ausência de solidariedade entre os estados membros na definição destas políticas, que prejudicam essencialmente os países europeus com tradição nestes setores e que não têm oportunidade de competir por via de preço com aquelas nações, como é o caso de Portugal.

Na sua intervenção, Nuno Melo contestou também a ideia de que Portugal é um país pequeno e periférico. Na perspetiva do eurodeputado, Portugal é um país médio, no âmbito europeu, e central na realidade geoestratégica mundial. Mesmo assim, reconheceu que, dada a sua dimensão, Portugal tem dificuldades em argumentar perante os interesses estratégicos que se jogam na Europa. Também o vice-presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha, defende que a presença de Portugal na União Europeia tem ainda mais importância no momento atual do país, momento esse que, em seu entender, seria “indubitavelmente pior” se não integrássemos o projeto europeu. “Temos que olhar para a Europa não como um problema, mas como uma escalada da solução, e por isso, sou um adepto do aprofundamento dos laços e da proximidade entre os países que integram a União Europeia”, afirmou o autarca. veja em www.famatv.pt ou pub

Chiky Gentil na Feira das Trocas A Chiky Gentil Famalicão, associação sem fins lucrativos direcionada para o apoio social, participou na Feira das Trocas, que se realizou na cidade famalicense, com a venda de bens novos e usados com o intuito de angariar verbas que se destinam à compra de bens alimentares para apoiar famílias carenciadas. Em nota à imprensa, a associação agradece ao município de Famalicão e a todas as pessoas que colaboraram para esta causa.

Profissionais de saúde, educação e direito debatem a Família “A Família na sociedade contemporânea – desafios aos profissionais” é o tema da conferência que decorre esta sexta-feira, dia 17, a partir das 21 horas, na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco,. A iniciativa insere-se no Mês da Família, um evento promovido pela Câmara Municipal de Famalicão que está a decorrer ao longo de todo o mês de maio. Uma médica de família, Rute Teixeira; uma enfermeira, Manuela Martins; uma psicóloga, Marta Correia; um professor, António Ferreira; um procurador da República, José Vinagre de Sousa, e um autarca, Mário Passos (vereador do pelouro da Família) juntam-se na mesma mesa para debater o papel da família na sociedade contemporânea, assinalando a importância de cada uma destas profissões na melhoria de respostas aos problemas intergeracionais das famílias. A sociedade contemporânea mudou. A família mudou. A conquista de mais autonomia na família horizontalizada enriqueceu os relacionamentos. Nesta família plural convivem irmãos e pais que vêm de outros casamentos e, portanto de culturas e gerações diferentes; mulheres sozinhas criam seus filhos com a ajuda da rede de amigos. Temas que vão estar em discussão, assim como as formas de articulação entre profissionais, para respostas mais eficientes para as famílias. A entrada é livre.


10

pública: 16 de maio de 2013

freguesias

Coligação PSD/CDS-PP apresentou candidato à Junta de Vermoim

Manuel Carvalho promete projeto centrado nas pessoas Manuel Carvalho é a aposta da coligação “Mais Ação, Mais Famalicão” para suceder a Xavier Forte na presidência da Junta de Freguesia de Vermoim. O candidato foi apresentado publicamente na passada sexta-feira, numa sessão que decorreu no Largo da Capela na presença do candidato à Câmara e do atual autarca da freguesia, e assumiu o objetivo de dar continuidade ao “grande e ambicioso projeto” iniciado em 2001 por Xavier Forte e que elevou a freguesia a “exemplo municipal de desenvolvimento harmonioso e sustentado”. Manuel Carvalho, atual secretário da Junta de Freguesia, aceitou o desafio de ser candidato para liderar um projeto “válido, credível e centrado nas pessoas”, assente em quatro pilares de intervenção: educação, ação social, associativismo e voluntariado e, por fim, ambiente, acessibilidades e vias de comunicação. Caso seja eleito, o candidato compromete-se a manter todas as atividades de enriquecimento curricular (inglês, atividade física e desportiva, expressões e música) para os alunos do 1º Ciclo, bem como a reforçar a ajuda aos mais carenciados através de uma política de apoio ao pagamento de refeições escolares, medicaManuel Carvalho, Paulo Cunha e Xavier Forte mentos e alimentos. Manuel Carvalho promete “dedicação, vermoinenses que desejem Vermoim no victo de que Paulo Cunha será eleito e enalteceu ainda as “qualidades pessoais empenho e muito trabalho” em prol da rumo certo”. Na sua intervenção, mostrou-se con- e profissionais” do candidato da coligafreguesia e, para tal, conta com “todos os

ção PSD/CDS-PP à Câmara Municipal. “É o homem certo para os destinos do nosso município. Educado, amável e simpático, tem sempre a porta aberta para ouvir todos e encontrar as soluções para os mais diversos problemas”, referiu. Paulo Cunha agradeceu e retribuiu os elogios, declarando mesmo que Manuel Carvalho é a “pessoa certa” para dar continuidade ao “excelente trabalho” de Xavier Forte e que subscreve as suas propostas para a freguesia. O candidato da coligação apelou também à mobilização de todos em torno do projeto autárquico que defende para Famalicão. Na área social, Paulo Cunha reafirmou o compromisso de dar continuidade à oferta dos manuais escolares a todos os alunos do 1º ciclo e o compromisso de garantir que os alunos mais carenciados têm uma boa alimentação. “Nenhuma criança deixará de ter acesso a uma refeição até ao fim do seu percurso escolar”, afirmou, recebendo aplausos dos presentes. Paulo Cunha aproveitou ainda o momento para se dirigir aos funcionários da Câmara de Famalicão com o propósito de elogiar e agradecer o esforço e empenho que têm demonstrado em prol da “coisa pública” e dos famalicenses. Aníbal Bastos, enfermeiro jubilado, foi apresentado como o mandatário da candidatura de Paulo Cunha em Vermoim.

Coligação apresenta candidato à presidência da Junta de Pedome

José Luís Alves promete “trabalho, empenho e rigor” “É por gostar tanto de Pedome que sou candidato à presidência da Junta de Freguesia”. Foi desta forma que José Luís Alves que, se apresentou como cabeça de lista da coligação “Mais Ação, Mais Famalicão” naquela freguesia, nas próximas Eleições Autárquicas, numa sessão pública que decorreu no Salão Paroquial, no passado domingo, perante quatro centenas de apoiantes, entre os quais, o atual autarca local, Carlos Martins. José Luís Alves, membro da Assembleia de Freguesia e presidente da Associação Desportiva de Pedome, avança para esta eleição com o propósito de liderar um projeto que prestigie a localidade. “Trabalho, empenho e rigor são as palavras que estão na base da minha candidatura. O objetivo é fazer de Pedome uma freguesia de referência”, afirmou. O candidato apresenta-se com um projeto “realista e voltado para a comunidade”, elegendo a área social como uma das suas principais preocupações. “Dedicarei especial atenção aos nossos idosos, jovens e

crianças, sobretudo os mais carenciados, que agora, mais do que nunca, precisam de apoio”, garantiu, sublinhando que estará “permanentemente atento” às necessidades da população. José Luís Alves mostrou-se convicto na eleição de Paulo Cunha e agradeceu a presença do candidato à Câmara Municipal de Famalicão na sessão. “Estar hoje aqui dá-me muita força e confiança para o futuro. Obrigado, futuro presidente”, exclamou. Paulo Cunha retribuiu com palavras elogiosas, afirmando que José Luís Alves reúne “requisitos ótimos” para presidir à Junta de Freguesia. “É muito empenhado, preocupado com as pessoas e gosta muito da sua terra”, destacou. Na sua intervenção, o candidato da coligação apoiada pelo PSD/CDS-PP apontou que um dos principais motivos que o levaram a avançar com a candidatura à Câmara de Famalicão foi o “conhecimento profundo” que tem do concelho, resultado do exercício das funções de autarca nos últimos quatro anos. “Pude visitar e conhecer bem as nossas

José Luís Alves no decorrer da sua intervenção

49 freguesias, as suas associações e as suas forças vivas. São instituições que diariamente desenvolvem atividades com enorme relevo social e a marca de toda uma dinâmica que muito bem caracteriza as nossas gentes”, referiu.

“Com o envolvimento de todos vamos continuar a crescer”, argumentou Paulo Cunha, sublinhando a importância dos autarcas locais na concretização desse propósito. “Trabalhando em conjunto com todos os presidentes de Junta, vamos conti-

nuar a criar as condições para que as pessoas possam viver com qualidade no local que escolheram”, concluiu. Refira-se que Cerejeira Reis, economista, foi apresentado como o mandatário da candidatura de Paulo Cunha em Pedome.


freguesias

Unicur celebra 36 anos de existência A União Ninense de Cultura e Recreio (Unicur) celebra, este ano, o seu 36º aniversário com um conjunto de iniciativas que vão decorrer nos próximos meses. A primeira acontece já no próximo sábado, dia 18, com o 2º Convívio Anual de Motas. A partida está marcada para junto do Café Toca, por volta das 10 horas, para todas as pessoas interessadas em fazer um pequeno passeio até Areias de Vilar. No pacote de inscrição, está incluído almoço, t-shirt e um lanche. Também dentro desta associação, a Academia de Artes Marciais de Nine, tem marcado para o dia 1 de junho, a celebração do seu 21º aniversário, com um jantar que reunirá todos os alunos, antigos ou recentes, familiares e amigos da academia. Refirase que a Academia de Artes Marciais de Barcelos pertencente também a esta associação, irá organizar a “Gala de Karaté Alex Ryu Jitsu”, no dia 6 de julho, no Pavilhão Municipal de Barcelos. Já o convívio anual desta Unicur para com os seus sócios, está marcado para 4 de agosto, com um lanche-convívio e muitas diversões, como jogo da malha e um torneio de sueca.

José Salgado é candidato do PS a Riba d’Ave É o primeiro candidato a uma junta de freguesia apresentado pelo Partido Socialista. José Salgado apresenta esta sexta-feira, dia 17, a sua candidatura à Junta de Freguesia de Riba d’Ave, pelas 21h30, no salão nobre da Junta. O candidato socialista promete construir, caso seja eleito, “uma vila moderna, dinâmica e solidária”.

Padre José Borga dá concerto em Vale S. Cosme O Centro Social e Paroquial de Vale S. Cosme, com o apoio da Comissão de Festas de S. Bento, promove um concerto com o Padre José Luís Borga e a sua banda no próximo sábado, dia 18, pelas 21h30, na Igreja Paroquial de Vale S. Cosme. Além do espetáculo, a organização pretende também angariar fundos para o Centro Social de Vale S. Cosme. A entrada tem o custo de 5 euros e os bilhetes poderão ser adquiridos na secretaria do Centro Social ou junto dos elementos da organização.

pública: 16 de maio de 2013 11

Aluno do AEPBS na final internacional das Olimpíadas de Informática

Pedro Miguel Oliveira da Silva, aluno do 11.º do Curso Profissional de Técnico de Informática de Gestão do Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado, de Joane, participou na final das Olimpíadas Nacionais de Informática, e obteve o segundo lugar, indo agora disputar as Olimpíadas Internacionais. A final nacional deste concurso de programação de caráter individual, destinado a alunos do ensino secundário, decorreu no Departamento de Ciência de Computadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, no dia 3 de maio. O aluno tem agora pela frente as Olimpíadas Internacionais de Informática, cuja edição deste ano decorrerá de 6 a 13 de julho, em Brisbane, na Austrália. Por se ter classificado entre os 10 primeiros na competição nacional, Pedro Miguel Silva representará também Portugal no Concurso Ibero-Americano de Informática por Correspondência, onde, na edição de 2012, alcançou uma medalha de bronze.

Festa da Flor em Brufe A Confraria do Santíssimo Sacramento de S. Martinho de Brufe vai promover uma “Festa da Flor”, no próximo sábado, dia 18, no Adro da Igreja Paroquial. O arraial será animado pelo Rancho Folclórico de S. Martinho de Brufe e ao longo do dia funcionará um serviço comes e bebes e vendas variadas. pub


12

pública: 16 de maio de 2013

freguesias

Clínico chega segunda-feira para dar consultas duas vezes por semana

Novo médico reforça Extensão de Saúde de Arnoso Cristina Azevedo A partir da próxima segunda-feira, dia 20, os utentes da Extensão de Saúde de Arnoso Santa Maria vão poder contar com mais um médico, que virá àquela unidade dar consulta duas vezes por semana, reforçando assim as consultas atualmente dadas por apenas uma médica três dias por semana. Pretende-se desta forma responder, embora que de forma provisória, à falta de médicos naquela extensão que serve as freguesias de Arnoso Santa Maria, Arnoso Santa Eulália, Jesufrei e Sezures. A garantia da vinda de um novo clínico foi dada na passada segunda-feira, no decorrer de uma visita que o deputado do Partido Socialista à Assembleia da República, Nuno Sá, efetuou à extensão de saúde e onde reuniu com o diretor do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) de Famalicão, Paulo Oliveira. No encontro participaram ainda o vereador da Saúde Pública na Câmara de Famalicão e o presidente da Junta de Freguesia de Arnoso Santa Maria. Nuno Sá surgiu acompanhado do candidato do PS à Câmara de Famalicão, António Peixoto, e tinha à sua espera algumas dezenas de populares que não arredaram pé até saberem das conclusões da reunião. Atualmente a Extensão de Saúde do Arnoso tem 2.146 utentes inscritos, 1.462 dos quais sem médico de família.

No final da reunião, Nuno Sá comunicou a novidade aos populares

em Famalicão, foi possível “libertar um médico que virá em dois dias por semana dar consultas na extensão de Arnoso”. Esta informação foi também confirmada ao OP pelo vereador da Saúde Pública, Pedro Sena, e pelo próprio diretor do ACES, Paulo Oliveira, adiantando que o reforço das consultas em Arnoso já tinha sido decidido em abril e que o facto já tinha sido comunicado aos utentes. Quanto à nova USF ficará instaNova USF permitiu lada no centro de saúde da cilibertar médico dade, que passa a ter duas estruO parlamentar explicou ainda turas deste género, e deverá ser que, com a criação de uma nova inaugurada em junho. Unidade de Saúde Familiar (USF) Nuno Sá alerta, contudo, que

No final, Nuno Sá anunciou duas garantias: a extensão de saúde não vai encerrar e, a partir do dia 20 de maio, um novo médico virá reforçar as consultas. “Considero que é muito importante ter sido dada esta garantia de não haver o encerramento da extensão de saúde, porque esta é também uma bandeira do Partido Socialista”, referiu o deputado famalicense.

esta é uma “resposta imediata” a uma situação que se arrasta há meses e que leva a que os utentes de Arnoso se tenham que dirigir a Famalicão para obterem uma consulta, depois da saída de um dos médicos há cerca de um ano atrás, mas “não é a situação ideal”. O parlamentar diz que é necessário “garantir a manutenção a longo ou médio prazo desta estrutura” sugerindo que “passe a ser um polo de uma USF”. A este respeito, o vereador da Saúde Pública na Câmara de Famalicão lembra que a constituição das USF, ou até de polos, depende unicamente da vontade dos médi-

Xavier Oliveira visitou feira semanal de Joane O candidato da coligação PSD/CDS-PP à Junta de Freguesia de Joane, acompanhado por elementos dos partidos da coligação e do mandatário da candidatura, Domingos Melo, visitou a feira de Joane para mais uma “ação de reconhecimento da freguesia”. No final da visita, Xavier Oliveira referiu que “o contacto direto e frontal com as pessoas é fundamental, porque o mais importante são as pessoas e é ao serviço delas que colocarei a junta de freguesia”. Dirigindo-se aos feirantes e visitantes, o candidato frisou ainda que “o parque de Laborins pode ser melhorado em termos de condições de acessibilidade, conforto e salubridade”. Referiu ainda que a organização da feira semanal, alvo de críticas de muitos feirantes, “é algo que terá que ser repensado”, defendendo que “devia ser um espaço de referência em termos de condições para quem vende Xavier Oliveira transmitiu ainda verdadeiramente ao serviço do tecido e para quem compra, e na verdade não que é sua intensão “transformar o es- económico, social e cultural da freo é”. paço numa área multiusos que esteja guesia e da região”.

cos, acrescentando que a autarquia está atenta e tem feito “ um verdadeiro lóbi” junto dos médicos nesse sentido. “E na fase seguinte, a Câmara Municipal disponibiliza tudo, desde terrenos, instalações, lojas”, vinca. De resto, Pedro Sena garante que a posição da autarquia é clara: “não permitiremos que nenhuma extensão de saúde encerre em Famalicão e temos trabalho nesse sentido em parceria com o ACES, a ARS Norte e os presidentes de junta”. veja em www.famatv.pt ou

Jovens de Pousada, Vermoim e Castelões debatem tema da Família No próximo sábado, dia 18, no âmbito do Dia Internacional da Família, os jovens de Castelões, Pousada de Saramagos e Vermoim, vão reunir-se para um debate sobre a Família. Serão desenvolvidos temas como o divórcio, a homossexualidade, a violência doméstica ou o abandono de idoso. Para o esclarecimento de dúvidas o debate contará com a presença de várias entidades de áreas como a psicologia, sociologia, advocacia, direito canónico, criminalidade e religião cristã católica. O debate terá lugar no Centro Social e Paroquial de Castelões, pelas 15 horas, sendo que os pais também estão convidados a assistir.

Oficina celebra dia dedicado à escola A Oficina – Escola Profissional do INA celebra no próximo sábado, dia 18, o “Dia da Oficina”, com uma festa, a partir das 14h30, nas suas instalações. Haverá atividades como futebol, dance fusion fit, jogos tradicionais, lanche-convívio, música e muita animação. As inscrições podem ser feitas no Facebook da escola.


pública: 16 de maio de 2013 13

freguesias

MAL regressa ao trekking

A Mocidade Alegre de Landim (MAL) regressou ,no passado sábado, ao trekking e, desta feita, o trilho escolhido foi o Trilho dos Currais, de pequena rota com uma extensão de 10 km e uma duração de quatro horas, com um grau de

dificuldade médio/elevado. Este trilho situa-se em pleno Parque Nacional da Peneda Gerês e insere-se na temática das “tradições comunitárias”, percorrendo uma área de singular beleza natural, com passagens por três cur-

rais do baldio de Vilar da Veiga (Curral da Espinheira, Curral da Carvalha das Éguas e o Curral da Lomba do Vidoeiro). O dia começou bem cedo para oito aventureiros, que saíram de Landim pelas em direção ao Parque de Campismo do Vidoeiro, em plena vila do Gerês, onde iniciaram uma dura mas bela caminhada que teve como ponto alto o Miradouro do Velho a 834m de altitude no famoso alto da Pedra Bela. No final os participantes classificaram a iniciativa como sendo um grande dia de desporto e convívio. A equipa de trekking lembra que a participação neste tipo de eventos está aberta a todos os sócios e simpatizantes da MAL, que tenham gosto pela caminhada ao ar livre e pela aventura.

BTTeatro realizou peregrinação a Fátima

Pela primeira vez, o BTTeatro realizou uma peregrinação a Fátima. Da vila de Joane partiu, no passado dia 3 de maio, um grupo de 13 amigos unidos pelo mesmo gosto: o ciclismo. O objetivo era chegar em três dias ao santuário de Fátima, sem ajuda externa. E foi cumprido. O grupo juntou-se para a partida às 6 horas e seguiu em direção a Sul com o desafio de che-

gar à Mealhada, logo na primeira etapa. Ao fim 160 Km percorridos em 15 horas, foi tempo de descanso na Mealhada com um jantar animado que permitiu recuperar forças para o dia seguinte. No dia seguinte, o grupo arrancou rumo a Coimbra por alguns trilhos e estradas secundárias, onde não faltou a foto da praxe em frente ao Portugal dos

Pequeninos. Começou então a subida em direção aos melhores trilhos da peregrinação: as setas azuis guiaram o grupo por vários quilómetros de bonitas paisagens na zona de Condeixa. O almoço foi na pequena aldeia do Rabaçal e mais tarde a paragem para água e fruta no alto de Alvorges. Começou a descida rumo a Ansião e depois fizeram-se apenas 20 km, sempre a rolar em estrada, para completar os 100 km até ao descanso em Caixirias. Estava completa a segunda etapa. Para o último dia ficaram os cerca de 20 km mais descontraídos de toda a peregrinação, num misto de estrada e trilhos, sempre na companhia de várias dezenas de peregrinos e respetivos carros de apoio. Ao fim de duas horas de pedaladas, o grupo chegou finalmente ao Santuário de Fátima, onde não podia faltar a última fotografia de grupo, antes da chegada das famílias para uma tarde de convívio.

Turma da Didáxis promove arraial A Turma 10.3 da Didáxis de Riba d’Ave promove no próximo sábado, dia 18, um arraial nesta escola com vista a angariar fundos para uma visita de estudos. O evento contará com música ao vivo de José Rodrigues, além de churrasco de carnes e petiscos vários. pub

Rumo Aventura percorreu trilho pedestre em Montalegre

O grupo de montanha “Rumo Aventura”, de Lemenhe, festejou o Dia do Trabalhador com um trilho Pedestre em Montalegre, propriamente em Fafião, uma aldeia típica da região. Um grupo de 36 participantes iniciou o trilho junto à placa de informação, seguindo a subir para conhecer um dos fojos mais bem conservado do Parque Natural da Peneda-Geres, Fojo de Fafião, um fojo de muros convergentes, uma estrutura que era utilizada, ancestralmente, pela comunidade local para capturar lobos. Desceram depois ao rio e atravessaram para a outra margem, local chamado Pigarreira aproveitaram para tirar algumas fotos na ponte da Matança so-

bre o rio Fafiao, local muito bonito. Continuando a subir ate Chá de Touro de Trigo, onde pararam para descansar um pouco e aproveitaram para comer e repor energias. Continuando sempre a subir em direção da Roca do Touro, pararam no penedo Torrão para observar o vale do Rio Fafião, continuando até encontrar o estradão de acesso à aldeia de Fafão. Chegaram à aldeia pelas 14h30, aproveitaram e fizeram uma visita a toda a aldeia, constituída por casas em pedra, muitos espigueiros e onde quase toda a população trabalha na agricultura. Completado o trilho, os montanhistas regressaram a casa.

Dia da Mãe em Cruz

No dia 6 de maio, a Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB1/JI de Cruz convidou todas as mães da comunidade escolar a participarem numa festa organizada especialmente para assinalar o Dia da Mãe. Dinamismo, ritmo, dança, animação e muita alegria proporcionaram um momento diferente e inesquecível entre mães seus filhos. pub


14

pública: 16 de maio de 2013

publicidade

Falecimentos Inácio Ferreira, no dia 13 de maio, com 87 anos, casado com Rosa Pereira Barbosa, da freguesia de Fradelos (Braga). Maria Olívia da Silva Moreira, no dia 11 de maio, com 84 anos, viúva de Camilo Martins de Araújo, da freguesia do Louro. Agência Funerária Arnoso - José Daniel Pereira Arnoso Santa Eulália - Telf. 91 724 67 03

Manuel Augusto da Silva Machado, no dia 12 de maio, com 54 anos, da freguesia de Antas S. Tiago. José Manuel Barbosa Ferreira, no dia 13 de maio, com 73 anos, casado com Olívia da Costa Correia, da freguesia de Vila Nova de Famalicão. Manuel Moreira da Silva, no dia 13 de maio, com 64 anos, casado com Maria de Lurdes Dias Ferreira Silva, da freguesia de Vila Nova de Famalicão. Joaquim da Silva Simões, no dia 14 de maio, com 82 anos, casado com Joaquina Guimarães Araújo, da freguesia da Póvoa de Varzim. Agência Funerária Rodrigo Silva, Lda Vila Nova de Famalicão – Tel.: 252 323 176

José Domingos Fernandes de Castro, no dia 5 de maio, com 77 anos, casado com Maria Rosa Cardoso Dinis Castro, da freguesia de Ria D’Ave. Lauriana dos Santos, no dia 13 de maio, com 91 anos, solteira, da freguesia de Lordelo (Guimarães). Rosa Oliveira da Costa, no dia 15 de maio, com 81 anos, casada com Francisco de Araújo, da freguesia de Riba D’Ave. Agência Funerária Riba D’Ave Riba D’Ave – 917 586 874

Adelino Silva Oliveira, no dia 7 de maio, com 52 anos, casado com Maria Amélia Vilaça da Costa, da freguesia de Gondifelos. Plácido Campos Leite Correia, no dia 13 de maio, com 65 anos, casado com Teresa Barbosa de Campos, da freguesia de Gavião. Agência Funerária do Calendário Calendário – Tel.: 252 377 207

Rosa de Sousa Pereira, no dia 10 de maio, com 77 anos, casada com António Machado Pereira, da freguesia de Guardizela (Guimarães). Albano Carneiro, no dia 12 de maio, com 83 anos, casado com Joaquina Rosa de Jesus Almeida, da freguesia de Bairro. Agência Funerária Carneiro & Gomes Oliveira S. Mateus – Telm. 91 755 32 05

Engrácia Nunes, no dia 10 de maio, com 80 anos, viúva de Joaquim Nogueira da Rocha, da freguesia de Landim. Francisco da Silva Pereira, no dia 11 de maio, com 97 anos, viúvo de Maria da Conceição Faria, da freguesia de Seide S. Miguel. Maria Amélia da Encarnação Rocha Gonçalves Cruz, no dia 11 de maio, com 100 anos, viúva de Albino Sousa Gonçalves Cruz, da freguesia de Palmeira (Santo Tirso). Paulo Alexandre Ribeiro Ferreira, no dia 12 de maio, com 42 anos, casado com Maria Manuela Oliveira Ferreira, da freguesia de Palmeira (Santo Tirso). Agência Funerária da Lagoa Lagoa – Telf. 252 321 594

Deolinda Azevedo Araújo dos Santos, no dia 9 de abril, com 76 anos, viúva de Artur Azevedo Vila Verde, da freguesia de Fradelos. Rosa Ferreira da Cunha, no dia 12 de abril, com 83 anos, viúva de António Dias do Couto Padrão, da freguesia de Santiago de Bougado (Trofa). Maria dos Santos Couto, no dia 22 de abril, com 79 anos, casada com Manuel António de Sá Costa, da freguesia de Ribeirão. Joaquim Gonçalves da Silva, no dia 28 de abril, com 80 anos, casado com Emília Augusta da Silva, da freguesia de Santiago de Bougado (Trofa). João de Oliveira Moreira, no dia 4 de maio, com 66 anos, casado com Maria Joaquina Azevedo Paiva, da freguesia de Ribeirão. Paulina da Costa Oliveira, no dia 10 de maio, com 84 anos, viúva de António Joaquim Queirós Macedo, da freguesia de Ribeirão. António Leal Amaro, no dia 11 de maio, com 64 anos, casado com Rosa Maria Carneiro Nogueira Leal, da freguesia de Gavião. Funerária Ribeirense Paiva & Irmão Lda Ribeirão – Telf. 252 491 433

Albina Ferreira Peniche, no dia 7 de maio, com 92 anos, viúva de José Elísio Barreiros, da freguesia de Fradelos. Agência Funerária Palhares Balazar– Tel.: 252 951 147


freguesias

Coligação apresenta candidatos em Mogege, Landim e Vilarinho A coligação “Mais Ação, Mais Famalicão”, suportada pelo PSD e CDS/PP, apresenta publicamente, no próximo fim de semana, mais três candidatos a juntas de freguesia do concelho, em sessões que contarão com a presença do candidato à Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha. Assim, esta sextafeira, dia 17, é feita a apresentação do candidato à presidência da Junta de José Carlos Lima Mogege, José Carlos Lima, pelas 21 horas, no salão nobre da Junta de Freguesia. José Carlos Lima, assistente operacional, é o secretário da Junta desde 1989 e o presidente da direção da Associação Nascer do Sol. No sábado, dia 18, é a vez de António José Lima apresentar a sua candidatura à presidência da Junta de Landim, pelas 21 horas, no Salão Paroquial. António José Lima, 48 anos, empresário do ramo da hotelaria, foi o António José Lima juiz da comissão de festas de Santa Marinha de Landim, entre 2010 e 2011, e o juiz da comissão de festas de S. João de Pedra Leital, em Requião, durante quatro anos. Fundou a Associação Recreativa e Cultural de Antas. No domingo, dia 19, é apresentada a candidata à presidência da Junta de Vilarinho das Cambas, Judite Costa, pelas 18 horas, no salão nobre da Junta. Judite Costa, 40 anos, professora do Ensino BáJudite Costa sico e Secundário, integrou vários movimentos religiosos da freguesia e, recentemente, foi membro do Conselho Económico Paroquial. Há quatro anos integrou a lista do atual presidente da Junta, tendo sido eleita para a Assembleia de Freguesia.

Cortejo de oferendas em Ribeirão O Agrupamento de Escuteiros de Ribeirão promove no próximo domingo, dia 19, um “Cortejo de Oferendas” para angariação de fundos para aquisição de material escutista (tendas, material de cozinha, entre outros). O cortejo terá início pelas 15 horas, em frente à Junta de Freguesia, deslocando-se para o parque exterior das piscinas municipais de Ribeirão, onde decorrerá o leilão.

pública: 16 de maio de 2013 15

Agostinho Fernandes apresenta livro a utentes da Engenho

No âmbito do projeto pedagógico da Engenho “Pelos Caminhos da Nossa Terra”, Agostinho Fernandes deslocou-se no passado dia 10 ao Centro de Apoio Comunitário desta instituição para apresentar às crianças e idosos a sua recente publicação “Olha o Rio Ave…” No dizer do autor, este pequeno texto, com ilustrações de Fedra Santos, é um poemeto dirigido às crianças, mas que é lido com muito interesse e curiosidade por pais e avós, proporcionando o diálogo intergeracional. Para Manuel Araújo, presidente da Direção da Engenho, numa linguagem simples, Agostinho Fer-

nandes, a propósito do Rio Ave, “fala da importância do rio e da água, dos engenhos, das fábricas, das cidades, vilas e aldeias por onde passa, dos montes e dos campos, dos bichos, pássaros e plantas, da natureza e da gente e do equilíbrio que deve existir entre o Homem e a Natureza, até porque um rio, ribeiro, riacho ou córrego são estradas, caminhos e carreiros de água e de gente”. “Linhas líquidas que não separam, mas unem terras e pessoas, como o ribeiro de Guizande e o rio Este, que passam nas nossas terras”, concluiu. Parte da receita da venda do livro reverterá a favor da associação Dar das Mãos.

Dia da Mãe celebrado em Seide S. Miguel As crianças do jardim de infância de Seide S. Miguel festejaram o dia da mãe com muita alegria e animação. Ao fim da tarde todas as mães dirigiram-se à escola e foram recebidas com uma salva de palmas, um poema e uma canção alusivos à mãe. De seguida, mães e filhos participaram numa aula de Dance Fusion Fit Kids, cujo principal objetivo foi incentivar as crianças a dançar na companhia das mães, criando momentos de partilha e mantendo os seus elos de ligação familiares. Depois de tanto esforço e animação, foi servido um lanche para repor a energia gasta, sendo que parte dele foi confecionado pelas próprias crianças. Por fim, cada criança entregou à mãe um presente elaborado com muito carinho por si própria.

JASP celebrou 27º aniversário A Juventude Alegre de S. Paio (JASP) celebrou no passado sábado dia 5, nas suas instalações desportivas, o seu 27º aniversário. O evento traduziu-se numa tarde de grande animação, com a realização de um torneio triangular de futebol de salão e a atuação do grupo de concertinas Irmãos PJ, presenciado por um elevado número de sócios e simpatizantes. Também estiveram presentes o presidente da Junta de Freguesia e Hugo Mesquita, representante do pelouro do Desporto da Câmara Municipal de Famalicão.


16

pública: 16 de maio de 2013

Tribunal Judicial de Barcelos

publicidade

1º Juízo Cível

TODO EQUIPADO

Pr. Dr. Francisco Sá Carneiro - Palácio Justiça - 4750-297 Barcelos Telef: 253808330 Fax: 253081109 Mail: barcelos.tc@tribunais.org.pt

ANÚNCIO

Processo: 3353/11.1TBBCL-A Habilitação de Herdeiros N/Referência: 7900331 Data: 23-04-2013 Requerente: Maria Olinda Rodrigues Miranda Requerido: Jorge Américo da Costa Carvalho e outro(s)...

Nos autos acima identificados, correm éditos de 30 dias, contados da data da segunda e última publicação do anúncio, citando a Requerida MARIA DA CONCEIÇÃO DA COSTA CARVALHO, titular do B.I nº. 10431889, com o NIF 189553448 com última residência conhecida na Rua António Fonseca da Cruz, Candeeira, nº. 21, Ribeirão, 4760-731 Vila Nova de Famalicão, para no prazo de 10 dias, findo o dos éditos, que se começará a contar da data da afixação do último edital, contestar, querendo, a habilitação de herdeiros, sob pena de vir a ser julgada sucessora do falecido Valentim Rodrigues de Carvalho, residente que foi na Rua António Fonseca Cruz, nº. 21, Ribeirão, Vila Nova de Famalicão, para consigo prosseguir a causa principal, tudo como melhor consta do duplicado da petição inicial que se encontra nesta Secretaria à disposição do citando. Fica advertido de que é obrigatória a constituição de mandatário judicial. Passei o presente e mais dois de igual teor para serem afixados.

A Juiz de Direito, Dr(a). Ana Paula da Cruz Pereira O Oficial de Justiça, Helena Maria Durães Coutada

2ª publicação, Jornal Opinião Pública, 16 de maio de 2013

GRUPO DESPORTIVO LAGENSE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

CONVOCATÓRIA

O Presidente da Assembleia Geral do GRUPO DESPORTIVO LAGENSE, ao abrigo dos Estatutos do Clube, convoca uma ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA, que terá lugar na Sede desta Coletividade, sita à Rua Manuel Monteiro, 48 – 4760-364 Calendário, pelas 14:00 horas do dia 25 de Maio de 2013, com a seguinte ordem de trabalhos:

Ponto 1º- Votação dos associados para aprovação do projeto de Fusão entre os clubes, Grupo Desportivo Lagense / Clube Desportivo Juventude Académico.

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: Se à hora marcada (14:00 horas) não estiverem presentes o número de Sócios exigido pelos estatutos, a Assembleia Geral funcionará TRINTA MINUTOS DEPOIS, com o número de Sócios presentes.

Lage, Calendário, 11 de Maio de 2013

O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA GERAL JOSÉ CORREIA SÁ FRUTUOSO

ALUGA-SE CAFE SNACK BAR

EM SILVEIROS – BARCELOS

Reiki

DATA CURSOS

JUNHO - CURSO DE RADIOESTESIA

WWW.TERAPIALUZAZULRADIANTE.COM

TAROT DÁ-SE CONSULTAS DE TAROT E TRATAMENTOS TERAPEUTICOS COM REIKI

DÁ-SE CURSOS DE REIKI, TAROT, KARUNA TRATO COM TERAPEUTA NEVES

CONTATO: 910 663 006 252 993 328

Telemóvel 939 178 420 Telemóvel 964 159 605

VENDE-SE PRÉDIO PARA RESTAURO

C/ 4000m2 TERRENO E 80m2 DA FRENTE SEIDE S. PAIO LUGAR DA BOAVISTA CONTATOS: 252 911 539 252 493 915 252 912 132

Empresa Têxtil, situada na zona Norte do país, que produz artigos de vestuário em malha, pretende admitir para entrada imediata:

MODELISTA ( M/F )

PRETENDE-SE: • Pessoa com bons conhecimentos de modelação, execução de marcadas e planos de corte, para artigos de vestuário em malha, para Homem, Senhora e Criança, • Conhecimentos profundos na utilização do sistema Lectra, Modaris e Diamino, e outras ferramentas informáticas, • Disponível, responsável e dinâmica, • Alguns conhecimentos de Inglês, • Idade até 40 anos, • Experiência mínima de 2 anos. OFERECE-SE: • Integração em empresa com prestígio. • Remuneração a acordar

Os candidatos interessados deverão contactar através: Do telefone: 252309457 Por email: isantos@textilnortenha.pt Por correio para a seguinte morada: Empresa Textil Nortenha, SA Rua de Prazins, Avidos, 4770-780 Vila Nova de Famalicão

ALUGA-SE

ANDAR MORADIA T3 EM DELÃES TLM: 919 184 030

ALUGA-SE OU VENDE-SE

LOJA COM 170M2, NO EDIFICIO GENOVA EM FAMALICÃO

CONTATO: 911 157 624 911 099 626/252 954 482

ALUGA-SE CASA TIPO T2 EM CALENDÁRIO

CONTATO 917 500 258

ALUGO

CASA TIPO T4 VALOR 650€ EM ANTAS

Trata o próprio contato: 962 187 853

ALUGO T1 + 1 VALOR 275€

Trata o próprio contato: 962 187 853

VENDO

T3 com garagem fechada

Próximo à Universidade Lusíada Por 67.500€

Trata o próprio contato: 962 187 853

VENDO

5 Lojas Novas Com área total de 550 m2 Em Famalicão Por 135.000€

Trata o próprio contato: 962 187 853


pública: 16 de maio de 2013 17

freguesias pub

Jovem emigrante morre em colisão com trator

Famalicãocash: 35 anos de distinção comercial

Um motociclista de 24 anos morreu na passada sexta-feira à tarde, na Estrada Nacional 309, na freguesia da Portela, após ter colidido contra a fresa de um trator. O choque, que aconteceu por volta das 16 horas, foi violento e originou a morte do jovem motociclista no local. Paulo Costa tinha chegado de França, onde estava emigrado, durante a madrugada para passar o fim-de-semana com os pais e a namorada na freguesia de onde era natural, Telhado. Na tarde de sexta-feira, e após um passeio de moto, Paulo Costa acabou por chocar contra a

frente de um trator e foi projetado, por 200 metros, contra uma vedação. Paulo Costa, que não estava a usar capacete, acabou por morrer a menos de um quilómetro de casa. Face aos ferimentos que apresentava, “foi considerado um politraumatizado grave”, referiu Sérgio Gomes, adjunto do comando da corporação dos bombeiros de Famalicão. Acorreram ao acidente uma equipa do INEM, elementos da GNR de Joane e da Brigada de Trânsito de Braga, assim como os Bombeiros Famalicenses e Bombeiros de Famalicão.

Nascida há 35 anos, a “Famalicãocash” conta já com uma bagagem de história, distinção, lealdade e fairplay comercial, ainda hoje reconhecida pela família de fornecedores, clientes e trabalhadores. Em 1978 nasceu a empresa, designada por “Garrafeiras Marques”, sob a visão de David Marques um homem ambicioso, visionário e acima de tudo trabalhador. Depressa evoluiu, tendo a necessidade de abrir algumas filiais para estar mais próximo do público em geral. Famalicão foi a primeira garrafeira aberta ao público, seguindo-se Barcelos, Santo Tirso e Maia. Surge então a oportunidade de abastecer superfícies maiores como revendedores e as próprias garrafeiras, tendo por isso sido aberta a “ Macobel ”, empresa cujo nome ainda hoje é associado a “Famalicãocash” empresa batizada posteriormente no ano 2005. São 35 anos de alegria, trabalho e compensação no mercado. “Famalicãocash” deixa, por isso, a todos “um muito obrigado”.

Já abriu o Kapela Bar Restaurante

Abriu no passado sábado, 11 de maio, um espaço de restauração e de eventos, único em Famalicão. O espaço Kapela Bar Restaurante é distinto, acolhedor e com muita qualidade. Aqui encontrará diárias económicas e francesinhas low cost. Já ao sábado, a escolha vai mesmo para o rodízio de carnes, que será servido acompanhado com muita animação. Não deixe de visitar o Kapela Bar Restaurante, na Rua da Paz, n.º 219, em Santo Adrião, Famalicão. Faça já a sua reserva e surpreenda-se: 962828038. Kapela Bar Restaurante...um conceito de comida caseira... a preços muito bons...huuummmm. pub

Famalicão

Barbosa: Rua Santo António, Tel. 252 302 120 Calendário: Rua da Liberdade, Tel. 252 378 400/1 Cameira: C. Mouzinho Albuquerque, Tel. 252 323 819 Central: Praça D. Maria II, Tel. 252 323 214 Nogueira: Av. Marechal H. Delgado, Tel. 252 310 607 Valongo: Rua Adriano Pinto Basto, Tel. 252 323 294 Gavião - Av. Eng. Pinheiro Braga, 72 - Telef. 252 317 301 Marinho: Edif. S. José - Estalagem - Telf. 252 921 182 Martins Ventura: R. C. Cerejeira - Lousado - Telf. 252 493 142 Estação: Largo da Estação - Nine - Telf. 252 961 118 Ribeirão: Largo de Bragadela - Ribeirão - Telf. 252 416 482 Joane: Rua S. Bento, nº 217 - Telf. 252 996 300

Vale do Ave

Almeida e Sousa: Covas - Oliv. Stª Maria - Telf. 252 931 365 Bairro: Av. Silva Pereira, Telf. 252 932 678 Delães: Portela - Delães - Telf. 252 931 216 Riba de Ave: Av. Narciso Ferreira, Telf. 252 982 124 Faria: Estrada Nacional 310 - Serzedelo - Telf. 252 532 346

Famalicão Qu i n t a, 1 6

Serviço Cameira

Sex ta, 17

Calendário

Sá bad o, 18

Nogueira/Ribeirão

Domi ngo, 19

Valongo

Segund a, 20

Gavião

Terç a , 21

Barbosa

Qu a r t a, 2 2

Cameira

Vale do Ave

S e r v iç o

Qu i n t a, 1 6 Sex ta, 17 Sá bad o, 18 Domi ngo, 19 Segund a, 20 Terç a , 21 Qu a r t a, 2 2

Almeida e Sousa Bairro Delães Riba de Ave Almeida e Sousa Bairro

Serviço de disponibilidade

Paula Reis: R. José Elisio Gonçalves Cerejeira, nº 629 Calendário - Tel. 252 378 057 Maceiras: Louro - Telf. 252 310 425 Marques: Largo da Igreja - Fradelos - Telf. 252 458 440 Oliveira Monteiro: Largo Igreja - Cabeçudos - Telf. 252 331 885 Pedome: Av. S. Pedro, 1139 - Pedome - Telf. 252 900 930 Pratinha: Largo do Cruzeiro - Cavalões - Telf. 252 375 423 S. Cosme: Vale S. Cosme - Telf. 252 911 123 Arnoso: Av. Joaq. Azevedo - Arnoso Sta. Maria - Telf. 252 916 612


18

pública: 16 de maio de 2013

cultura

Dia Internacional dos Museus assinalado com diversas atividades

Camilo, Bernardino e Soledade vão à discoteca Carla Alexandra Soares

António Freitas

Tal como vem acontecendo, o Dia Internacional dos Museus em Famalicão é assinalado com múltiplas atividades. A Câmara Municipal de Famalicão apresentou na segunda-feira passada, no Museu da Guerra Colonial, localizado no Lago Discount, o programa do Dia Internacional dos Museus, que se celebra a 18 de Maio. Cerca de seis meses após a criação da Rede Museológica Municipal que congrega 13 museus do concelho, esta é a primeira iniciativa conjunta da Rede e por isso promete muita dinâmica e animação cultural. Refira-se que a rede é composta por 13 museus, três dos quais integram já a Rede Portuguesa de Museus (Casa-Museu Camilo Castelo Branco, Museu Bernardino Machado e Museu do Surrealismo da Fundação Cupertino de Miranda). Na conferência de imprensa, o vice-presidente da Câmara Municipal enalteceu o trabalho conjunto dos espaços museológicos envolvidos defendendo que esta iniciativa, a par de outras, pretende lembrar as nossas raízes como pontos de referência do que devemos ser no futuro. Sob a fórmula “Memória + Criatividade = Mudança Social” também proposta pelo ICOM (Internacional Council of Museums) para este ano, durante dois dias (18 e 19 de maio)

instalações, os serviços, mas também fazermos atividades”, acrescentou.

Programa do Dia dos Museus foi apresentado no Museu de Guerra Colonial

estão previstas em Famalicão visitas guiadas, trabalhos ao vivo, oficinas, ateliês, exposições, workshops, conferências, concurso de fotografia, concertos, teatro, cinema, fado, caminhadas, entre outras. Apesar de não querer desvalorizar nenhuma das atividades, o também vereador da Cultura destacou a “Noite dos Museus”, que pretende, de forma arrojada quebrar a atividade convencional dos museus. Para isso na noite de sábado, numa iniciativa apelidada de “Ilustres Famalicenses entre os Boémios”, Camilo Castelo Branco, Bernardino Machado e Soledade Malvar vão aos bares e dis-

cotecas ter com os jovens famalicenses. “Sabemos que os jovens são um público afastado da frequência dos nossos museus e, por isso, numa provocação, os nossos ilustres vão aos espaços onde os jovens gostam de estar. Estes gestos, porventura pouco convencionais e nada ortodoxos, parecem-me acertados no contexto em que vivemos”, afirmou Paulo Cunha. Ainda a este propósito, o responsável sublinhou que independentemente da mudança de estratégia, o objetivo é chegar ao público em geral. “Não temos público-alvo, o nosso público é o alvo e por isso é

Semana Multicultural termina com balanço positivo A Semana Multicultural de Famalicão traduziu-se em sete dias de partilha de experiências e de saberes, que trouxeram à cidade um conjunto muito alargado de atividades. As propostas foram muito frequentadas e diversificadas, tendo ido desde a música às conferências, passando pela gastronomia, workshops diversos, pintura, cinema e dança. Os ecos dos participantes foram muito favoráveis, tendo sobressaído o realce dado à importância deste tipo de iniciativas para a aproximação das pessoas e das diferentes culturas. A iniciativa foi promovida pela Câmara Municipal que, em nota à imprensa, não esquece os parceiros envolvidos, considerando que “foram fundamentais para o sucesso das diferentes atividades, ficando registada a vontade e o interesse de todos em voltar a dar o seu apoio para a implementação de iniciativas deste tipo”.

que nós realizamos este conjunto de iniciativas”, reforçou. Sobre a Rede Municipal de Museus, o seu coordenador Artur Sá da Costa, também presente na conferência, sublinhou que está a ser solidificada no sentido de dar mais qualidade aos espaços museológicos, tendo como prioridade conseguir manter abertos os 13 espaços que assinaram recentemente a declaração de princípios. Por isso, assegurou, continuam em curso as conversações para que seja possível garantir a abertura dos museus em horário fixo. “Outro aspeto que está a ser trabalhado é melhorarmos as

Museu da Guerra Colonial maior A propósito dos espaços museológicos, Anquises Carvalho, responsável pelo Museu da Guerra Colonial, adiantou que está para breve o aumento deste espaço para um segundo módulo. Em causa estão novos objetos históricos, nomeadamente um helicóptero da Força Aérea Portuguesa, modelo Allouette II, que já está exposto naquele museu e que, no período da Guerra Colonial, foi utilizado maioritariamente para transporte de militares e feridos. “Tem 50 anos de idade, penso que foi um daqueles que andou lá fora na guerra de Ultramar e que salvou a vida a muitos soldados portugueses. Portanto, para nós, além de ser uma peça, toca-nos muito no coração”, descreveu. Sem querer adiantar uma data ao certo, tendo em conta todo o processo burocrático, Anquises Carvalho espera que esteja para breve a reunião do espólio para o segundo módulo da exposição. Também para breve deve estar a abertura do Museu do Automóvel Antigo, que vai abrir portas em frente ao da Guerra Colonial, ou seja, no Lago Discount, em Ribeirão. A informação foi avançada na mesma conferência de imprensa por Artur Sá da Costa.

Jovem músico famalicense premiado em Paris

O talento e o trabalho do jovem músico famalicense Bruno Gomes Ferreira acabam de ser reconhecidos pelo júri do 13º Concurso Internacional de Piano Alexander Scriabine, que decorreu na passada semana, em Paris. Ao Bruno foi atribuído, ex-aequo, o 1º prémio na classe D (até 15 anos). O Concurso A. Scriabine é conhecido pelo seu alto nível, tendo entre os membros do júri a presença do pianista russo Mikhail Voskresensky, presente nos júris dos concursos mais importantes do mundo da música, como é o caso do famoso concurso Tchaikovsky. Bruno Gomes Ferreira fez os seus estudos musicais na ArtEduca Conservatório de Música de Famalicão, tendo o ano passado terminado com nota máxima o curso básico (5º grau), tanto em piano como em violoncelo. No próximo mês de junho, Bruno Gomes Ferreira vai apresentarse a solo, neste caso em violoncelo, com a Orquestra do Conservatório Calouste Gulbenkian, em Braga.


cultura

pública: 16 de maio de 2013 19 pub

“E Tudo o Casamento Levou” na Casa das Artes Os atores Maria João Abreu e Almeno Gonçalves sobem no próximo sábado, dia 18, ao grande auditório da Casa das Artes de Famalicão com a peça “E Tudo o Casamento Levou”. A peça aborda o casamento, sendo que primeiro começamos por acompanhar este casal em situações banais, por que todos já passamos. Depois achamos que eles são extremamente engraçados e rimo-nos a bom rir. Rimonos do dia atribulado do seu casamento, da condução dela, das saídas dele, da maneira como planeiam as suas férias, de como falam dos seus pais, dos seus amigos. Rimo-nos a bom rir das suas pequenas discussões por tudo e das suas grandes discussões por nada. Rimo-nos por eles serem um homem e uma mulher, que vivem juntos, que se amam. E depois reconhecemos nas suas

palavras, nas suas situações, coisas estranhamente familiares. A peça começa às 21h30 e a entrada custa 10 euros, com 50% de desconto para os portadores do Cartão Quadrilátero Cultural. O teatro prossegue na quarta-

feira, dia 22, com a peça “Primavera”, destinada ao público escolar, numa coprodução Fértil com a Casa das Artes. As sessões estão marcadas para s as 10h30 e 15h00, na black box do grande auditório.

Famalicão com nova edição do Boletim Cultural O lançamento de uma nova edição do Boletim Cultural de Famalicão dá o mote para a realização de uma palestra dedicada aos autores famalicenses e à política de edição municipal da publicação. A iniciativa, de participação livre, tem lugar no próximo sábado, dia 18, pelas 21h30, na Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco e insere-se no âmbito das comemorações dos 100 anos de existência desta biblioteca. O Boletim Cultural de Famalicão é dos mais antigos entre as autarquias portuguesas, desempe-

nhando um papel importante no desenvolvimento dos estudos da história local. O novo boletim corresponde ao número 6/7, da III Série, anos de 2010 e 2011. A palestra conta com as presenças do professor universitário da Universidade do Minho, Sérgio Sousa, e de Rui Magalhães, da Editora Húmus, ficando a moderação a cargo de Artur Sá da Costa, coordenador da Rede Museológica Municipal de Famalicão.

Cineclube destaca cinema de Werner Herzog O Cineclube de Joane prossegue, hoje, quinta-feira, com o ciclo dedicado ao realizador Werner Herzog, coma exibição do filme “Nosferatu”, na Casa das Artes de Famalicão. Mais do que uma nova versão do clássico de Murnau, “Nosferatu, Phantom der Nacht” é um filme que reflete o universo in-

quieto e "interior" de Werner Herzog, com o vampiro transformado numa das suas personagens de marginal do mundo e da vida, contando ainda com uma fabulosa interpretação de Klaus Kinski no "maldito". A sessão começa às 21h45 e a entrada é livre. O mesmo ciclo prossegue depois da sexta-feira, dia 17, com o

filme “Fitzcarraldo”, também na Casa das Artes, pelas 21h45, e com entrada livre. Este foi o projeto "louco" de Werner Herzog. Tão louco e megalómano como o do personagem, Fitzcarraldo, que apostou levar a ópera (e Enrico Caruso) ao coração do Amazonas, numa viagem que é uma verdadeira odisseia.

Autor de “A Filha do Papa” vem a Famalicão O escritor Luís Miguel Rocha, autor do último êxito nacional “A Filha do Papa” e de “A Mentira Sagrada”, está hoje, quinta-feira, em Famalicão. O autor começa por ter um encontro aberto aos leitores na livraria Fontenova, pelas 16 horas. Uma hora depois estará no auditório da Escola Secundária Camilo Castelo Branco.

Cupertino celebra Dia Internacional dos Museus A Fundação Cupertino de Miranda (FCM) celebra no próximo sábado, dia 18, o Dia Internacional dos Museus com algumas iniciativas, todas com entrada livre. O programa arranca com a exposição “A Colagem” que vai estar patente no museu da FCM, entre as 14 e as 18 horas. À noite, pelas 21 horas, o grupo de teatro “O Andaime” leva à cena no auditório da FCM a peça “Memorial do Convento”. Da programação destaque ainda para o concerto que a Capella Musical Cupertino de Miranda dá na Igreja de Nossa Senhora do Terço, em Barcelos.

pub


20

pública: 16 de maio de 2013

praça pública

Pelos Quatro Cantos da Ca(u)sa Domingos Peixoto

Limpinho limpinho Dos apartes das táticas, resultados e efeitos desportivos, ainda que disso não façamos o “nosso ganha-pão”, fixamos alguns que, com outra exegese, bem podiam ter uso na vida quotidiana atual dos portugueses: “a sorte dá muito trabalho”; “limpinho, limpinho, limpinho”. São alguns dos mais recentes. Acaso constatamos, estimados concidadãos, que se trabalharmos muito temos sorte? Não! Mas quando expressamos: a “sorte procura-se”, ao que aspirámos, na realidade? E quando nos incentivam que pelo trabalho é que vamos lá, o que pretendem incutir-nos? Tenho para mim que esta “sorte” não é mais que um estado de espírito, uma tentativa de sossego, uma esperança que nos inspira e nos anima na procura de objetivos de vida, cujos resultados não caem do céu. Nesta perspetiva o que acontece, frequentemente, é confundirmos sorte e cuidados de conduta. Por exemplo: se nos abeiramos de um precipício podemos ter a “fortuna” de não cair, mas se cuidarmos de passar longe não caímos, certamente. Já quanto ao trabalho ser gerador de sorte é pretender mistificar que capitalismo não é exploração laboral. Não ignoremos que se estuda e é dogma da sociedade, apesar de subvertido, que o trabalho tem uma função social, qual seja a de honrar digna e justamente a pessoa humana contribuindo, dessa forma, para um crescimento harmonioso da família e, conse-

quentemente, da sociedade e do desenvolvimento económico dos povos. Ao contrário o apelo que nos fazem, diariamente, visa o “engordar” desmedido de uns tantos capitalistas, enquanto a esmagadora maioria dos trabalhadores, pensionistas e desempregados fica privada do estritamente necessário à custa da desregulamentação do trabalho. Vergonhosamente, qual país terceiro-mundista, já pululam por aí salários de pouco mais de 300 euros, ou seja, cerca de metade do salário mínimo em vigor, quando até este já não cobre as exigências do agravamento do custo de vida! Limpinho, limpinho é que, não obstante, ainda temos um governo cujo “umbigo” é a meta das suas preocupações, legislando cortes e mais cortes nos sacrificados do costume, não havendo barreira e cisma de Portas que embarguem tamanho descalabro e corrupta desfaçatez, mantendo uma descomunal desproporção dos sacrifícios exigidos a ricos e a pobres deixando limpinhos, limpinhos os bolsos destes até meio do mês! Regressando à sorte, esta vai calhando a Portas e Gaspar. Eis, pois, senão quando, aparece o académico e deputado Abreu Amorim a garantir que chegou ao fim o tempo do ministro Gaspar, isto depois de ter sido muito crítico com as medidas de austeridade de Sócrates e de ter compactuado e apoiado, durante quase dois anos, as bem mais severas do governo de Passos. Porquê sorte: caindo Gaspar, cairão

as suas medidas, ficando livre de contestação para a prática da sua tecnocracia e Portas não precisa de transigir nas pensões nem de criar cisão no governo, com todos os custos políticos que isso acarretaria. Será, no entanto, que Amorim pensou nisso ou, apenas, no futuro voto autárquico dos gaienses e na sua familiar dama empresarial? Oportunismo político terá sido o móbil do “imperdoável crime partidário de consciência! Sorte vão ter, também, os 26 candidatos a outras tantas freguesias que a maioria parlamentar e municipal PSD/CDS extinguiu no concelho de Famalicão, apresentados pelas candidaturas chefiadas por Paulo Cunha e Nuno Melo, respetivamente, à Câmara e à Assembleia Municipal. Na verdade vão ser candidatos sem lista, sem propaganda, sem gastar dinheiro, sem votos e sem eleição garantida. Terão, porém, daí a “sorte grande”, um emprego razoavelmente remunerado para exercer uma função administrativa – à custa do erário público – para manter abertas as antigas sedes das juntas de freguesias suprimidas?

PS: Senti culpa minha nas mágoas de ausência de fraternidade expressas por Gouveia Ferreira. A total surpresa e o conhecimento atrasado do infortúnio geraram a falta da expressão da solidariedade, que por esta via e agora lhe apresento.

D’Esguelha Gouveia Ferreira

Os tensionistas! Possuídos de indecifrável torpor doentio, vamos assistindo, de lamúria em lamúria, ao pingue pongue das cúpulas partidárias da coligação desgovernante. Ora vem o principal do PPD dizer que não vê outro caminho, a não ser o do corte de mais uma fatia nas reformas dos pensionistas, ora é a vez do maioral do CDS apregoar que não permitirá nova mexida nesse carcanhol, pertencente a cerca de três milhões de votantes. Esta disparidade de posições, anunciadas dia sim dia não, no núcleo do desgoverno nacional, os entendidos apelidam-na de tensão, para dar a entender À “Pova” que há desgovernantes sacanoídes e desgovernantes porreiros.

Todavia, convém que saibam que alguma “Pova” não vai na cantiga da tensão desgovernativa, bem se sabendo da concertação dos dois maiorais, Passos/Portas, antevendo a queda eleitoral da formação partidária do primeiro. No estertor da próxima fogueira eleitoral, será do seu máximo interesse conotar algum dos aliados com o gajo porreiro, que safou três milhões de votantes da miséria, onde paira um considerável número de mercadores de feira. Assim, de tensão em tensão, se vão adormecendo os tensionistas, até que se lembrem das várias utilidades dos candeeiros, além da iluminação pública. Já esteve mais longe o dia!


Especial

Festas Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento

Sofia fia Abreu Silva Este fim de semana é de festa na freguesia de Oliveira Santa Maria. Estão agendadas as festividades em honra de Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento, uma das festas religiosas mais importantes da freguesia. As festas são organizadas pela Confraria de Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento, que cumpre o seu segundo mandato. A Confraria é composta por um conjunto de 9 pessoas que têm trabalhado em conjunto e arduamente desde o início do ano para que haja festa uma vez mais em Oliveira. “Estamos a trabalhar há vários meses, organizando várias atividades, como o cantar dos reis, excursões, chincalhões”, explica Tomás Gonçalves, presidente da Confraria da Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento. Para os mesários é necessária criatividade para angariar verbas porque as pessoas ficam um “bocadinho saturadas dos peditórios”. “Temos de arranjar atividades que levem as pessoas a contribuir, mas nas quais recebam algo em troca, como numa excursão, ou na compra de calendário”. Apesar das dificuldades financeiras vividas por famílias e empresas, a confraria diz que não tem razões de queixa, pelo contrário. “Os mais velhos são os que mais contribuem, porque não querem que as festividades acabem, os mais novos já nem tanto. Mas, as pessoas acarinham-nos muito”, diz António Pereira, do Conselho Fiscal. Também as empresas mostramse disponíveis para ajudar. “Reconhecendo as dificuldades, dissemos às empresas que nos oferecessem o que pudessem. Houve uma empresa que nos deu meias e nós oferecemolas na viagem à Nossa Senhora da Lapa, outras oferecem o seu trabalho e outros produtos, que nós aceitamos”, explica José Alves, secretá-

rio da Confraria. Festa para todos Quanto à festa propriamente dita, a Confraria procurou criar um cartaz eclético que agrade a diferentes públicos, sem exclusão (ver programa na página 23). “Esse foi o objetivo, não temos capacidade financeira para apostar num cantor exclusivo que podia chamar mais pessoas, preferimos diversificar um pouco para agradarmos a todos”, explica Tomás Gonçalves, presidente da Confraria. “Temos a tuna, os humoristas, a banda de música, a concertina, o fogo-de-artifício e queremos que as

pessoas passem por Oliveira neste fim-de-semana e fiquem satisfeitas”, afirma. E no que respeita à organização, os nove elementos que compõe a Confraria Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento, não podiam estar mais satisfeitos pelo grupo de trabalho, que já está no segundo ano de trabalho. “Tem sido muito agradável trabalharmos todos juntos, somos nove e temos a felicidade de sermos todos dedicados. Cada um, à sua maneira, tem dado o seu contributo para um bem comum”, descreve o responsável. “Andamos por gosto, temos de

abdicar muitas vezes da nossa família, mas estamos nisto com gosto e por isso é mais fácil”, diz António Pereira, do Conselho Fiscal. Esta Confraria ainda tem ainda a festa do próximo ano para organizar, mas começa a pensar no futuro. Questionados sobre a eventualidade de encontrar substitutos, todos dizem que será “uma tarefa difícil”. Na verdade, todos concordam que não se pode deixar morrer a tradição destas festividades, como já aconteceu. “Se por acaso não encontramos quem faça o nosso lugar, dentro dos possíveis, estaremos dispostos a continuar, mas defendo, pelo menos, uma

mudança de cargos e uma renovação faseada, entrando gente nova aos poucos”, refere Tomás Gonçalves. De resto, a Confraria Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento aproveita para a agradecer a todos os que deram o seu contributo para que estas festividades se realizassem. “Agradecemos às famílias, às empresas, aos emigrantes, ao padre Carlos Cadeias, aos nossos familiares, amigos e a todas as pessoas, em geral, que nos ajudaram muito para que esta festa fosse possível realizar-se neste fim-desemana”.

História

Confraria da Nossa Senhora do Rosário e Santíssimo Sacramento Foi no ano de 1608 que a Confraria da Nossa Senhora do Rosário e Santíssimo Sacramento foi fundada. Uma das suas principais funções, como acontece com a maioria das confrarias, é a de acompanhar todos os irmãos e irmãs que a serviram no dia do seu funeral. No entanto, há outra tradições, nomeadamente no terceiro domingo de cada mês, a confraria solicita a celebração de uma missa em honra do Santíssimo Sacramento e dos irmãos ou irmãs que tenham falecido naquele mês. Nesta eucaristia são lidos 24 nomes de irmãos que serviram a confraria, contemplando 12 nomes de homens e 12 nomes de mulheres. Porém, nesse dia, somente se entrega o terço ao irmão ou irmão que esteja presente nessa mesma eucaristia. A confraria realiza todos os anos a festa em honra da Senhora do Rosário e Santíssimo Sacramento. Esta festa acontece após 50 dias da Páscoa. Neste fim-de-semana da festa são realizadas duas procissões, uma no sábado e outra no domingo. No sábado, terá lugar a procissão de velas, depois da missa vespertina marcada para as 20h30. A segunda realiza-se no domingo, em honra de Nossa Senhora do Rosário, após a celebração da palavra às 16 horas. Refira-se que todos os anos servem a confraria doze irmãos, uma juíza e seis mordomas, além dos nove mesários que trabalham, em grupo, durante três anos. Contas feitas, em cada ano a Confraria da Nossa Senhora do Rosário e Santíssimo Sacramento movimenta 28 pessoas.

Mesa da Confraria: (da esquerda para a direita) Faria, Miguel Silva, Tomás Gonçalves, Brandão, Jorge Couto, Cândido, Jerónimo, António Pereira, José Maria Alves

Antigamente a festa de Senhora do Rosário contemplava apenas a parte religiosa, com missa e procissão, mas mais tarde, foi-se acrescentando alguma animação às festividades, nomeadamente animação musical, não faltando, claro, a banda de música. Refira-se que festa chegou a ser celebrada no mês de outubro, sendo, entretanto, alterada para a data atual.


22

pública: 16 de maio de 2013

especial

A terra de Oliveira Santa Maria

Os vestígios mais antigos do concelho de Famalicão remontam ao período da Proto-História, durante o qual terá sido erigido o povoado fortificado do Monte Crasto. Este povoado está localizado no relevo mais importante da freguesia, dominando uma parte do vale do rio Ave e do seu afluente, rio Pele. Durante a Idade Média foi fundado o Mosteiro de Oliveira, localizado junto das terras mais férteis da freguesia. Este mosteiro detinha um património constituído por propriedades espalhadas por diversas freguesias. Aliás, o edifício manteve alguma importância durante o período medieval. A freguesia de Oliveira Santa Maria é uma das freguesias maiores do concelho de Famalicão, distando cerca de 14 quilómetros da sede do mesmo, pertencendo em tempos ao antigo julgado de Vermoim.

O Mosteiro foi unido ao de Santa Cruz de Coimbra em 1599, passando para lá todas as rendas. Todavia parte destas e o padroado da igreja acabaram por passar para o Mosteiro da mesma ordem, Vicente de Fora, de Lisboa. De toda a história, resta agora o Mosteiro de Oliveira Santa Maria, que é sem dúvida um cartão de visita da freguesia e um local bonito que deve ser visitado. O seu interior é constituído por quatro altares laterais em talha dourada assim como a Capela-mor. Na parte exterior do Mosteiro ainda se podem ver alguns sarcófagos que eternizam a história da terra. Para além mosteiro, Oliveira Santa Maria tem ainda capelas, alminhas e cruzeiros para serem visitados e apreciados. Numa área geográfica de 464 hectares, a população é de cerca de 5 mil habitantes.

Junta de Freguesia elogia festividades Para Delfim Machado, presidente da Junta de Oliveira Santa Maria, a festa em honra de Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento é importante para a freguesia. “Em primeiro lugar dinamiza a própria atividade da freguesia, bem como as diferentes instituições de carácter religioso, económico e cultural”. No entender do autarca, as festividades ajudam a dar a conhecer os hábitos e costumes enraizados em Oliveira. Delfim Machado diz que as pessoas podem, na passagem pela sua freguesia, apreciar vários pontos de interesse, nomeadamente o Mosteiro de Oliveira e o Monte de Santa Tecla. “O nosso Mosteiro é de muita importância e está em vias de se tornar um monumento nacional, também o monte tem uma vista muito bonita que pode ser apreciada por quem nos visita”, refere. Delfim Machado não poupa elogios aos nove elementos que compõe a Confraria de Nossa Senhora do Rosário e do Santíssimo Sacramento. “É uma equipa muito dinâmica, muito jovem, que está à frente da confraria e da organização festa. Era muito bom que continuasse, ou que no futuro houvesse gente para que esta festa tenha sempre a projeção e dinamismo desejados para a freguesia”, considera. Com elevadas expetativas para o próximo fim-de-semana, Delfim Machado faz o convite a todos os queiram visitar Oliveira. “Visitem-nos e conheçam as nossas riquezas. Participem nas festividades, na parte religiosa e também nas atividades de cariz mais pagão, com animação musical e recreativa. Aproveitem para conhecer a nossa terra!”


especial

pĂşblica: 16 de maio de 2013 23


24

pĂşblica: 16 de maio de 2013

publicidade

OP1097  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you