Page 1

Textos: Sofia fia Abreu Silva

Vermoim e Gavião: freguesias com História As freguesias de Vermoim e Gavião assinalam no próximo fim de semana o Dia da Freguesia. Estas são duas freguesias do concelho de Famalicão que têm procurado crescer, procurado cativar investimento e população. Vermoim é uma das 49 freguesias do Concelho de Vila Nova de Famalicão. Situa-se a 7 km da cidade sede concelhia, na estrada nacional nº206, que liga esta cidade à de Guimarães. Vermoim é um meio predominantemente fabril (têxtil) e rural. A maioria da população, que é numerosa, trabalha nas fábricas e os seus filhos ficam a maior parte do tempo entregues a amas e alguns frequentam o serviço de ATL. Vermoim é uma das freguesias com mais história do concelho de Vila Nova de Famalicão. No monte onde hoje se situa a freguesia, terá existido um castro importante, integrado numa civitas anterior à época Romana. O povoamento de Vermoim está demonstrado pela existência de um castelo medieval com origem num castro erguido no monte sobranceiro à freguesia, embora fora da sua área atual. A povoação existente junto do Castelo de Vermoim, que era o centro administrativo do Julgado de Vermoim, foi destruída pelos Muçulmanos e pelos Normandos. Aparece documentada desde o século XI, dando o nome ao Julgado de Medieval que se estendia entre os rios Este e o Ave, correspondendo grosso modo ao atual concelho de Famalicão e algumas freguesias dos concelhos de Santo Tirso e Guimarães. Gradualmente, Vermoim perdeu o seu lugar de centro adminis-

trativo e religioso em prol de Vila Nova de Famalicão. Em termos económicos, Vermoim pertence a um grande núcleo industrial de onde fazem parte também Pousada de Saramagos, Joane e Mogege. O património de Vermoim é composto pela igreja matriz construída no ano de 1769 e restaurada em 1999; pelo Salão Paroquial inaugurado em 1995; pela Capela do século XIX; Largo Senhora do Amparo, cujo jardim envolvente se transformou atualmente num ex-líbris da cidade de Famalicão; pelo Palácio da Igreja Velha que é uma construção do século XIX (1881) e cujas origens remontam ao século XI, época em que terá existido neste local a antiga Igreja de Vermoim. Trata-se de uma casa senhorial com capela integrada numa ampla e fascinante zona verde com lago. Este palacete neoclássico possuía um romântico pergaminho que inspirou a obra "A Brazileira de Prazins" de Camilo de Castelo Branco. Fazem ainda parte deste rico património o Cruzeiro e o Castelo de Vermoim, situado no monte e que é composto por um bloco rochoso, onde se notam algumas estruturas escavadas na rocha e onde se diz viver uma moura encantada. Gavião “Cavilam, Cafiam ou Quafiam”, assim se foi escrevendo e dizendo esta freguesia de S. Tiago de Gavião, ao longo dos tempos. Ficamos a conhecer esta terra de Gavião desde o dia em que um clérigo, o abade de Zamário, doou à Sé de Braga diversas herdades que tinha na freguesia, levado pelo desejo de obedecer ao Evangelho. Foi assim

roquiais coligidos pelo Padre Luís Cardoso, a freguesia de S. Tiago de Gavião contaria com quatrocentos e vinte e três habitantes, incluindo os criados que estavam a servir na localidade. A partir do século XIX, a história de Gavião confunde-se com a história do novo concelho de Vila Nova de Famalicão. Este foi, sem dúvida, um lugar importante na criação do concelho, por ser a terra de residência na época de Francisco Jerónimo de Vasconcelos e Castro. Mas, S. Tiago de Gavião daria ao concelho uma série de grandes nomes da política local. Começando por Simão de Magalhães Araújo e Costa, membro da Comissão Municipal de 1835-1836, vereador na primeira veIgreja Paroquial de Vermoim reação eleita na história do Município (1836), e novamente vereador em mais seis mandatos até 1847. Mas os nomes mais importantes e mais conhecidos da história política da freguesia são, sem dúvida, os dos três irmãos Trovisqueira (Manuel Francisco, Francisco José e José Francisco), este último tornado Barão da Trovisqueira. A história da população de Gavião, que se pode conhecer com rigor a partir de 1864, mostra-nos nos 100 anos seguintes, até ao recenseamento de 1960, uma evolução sustentada que levou a freguesia até ao nono lugar entre as freguesias mais habitadas do concelho, segundo os Censos de 1991. Hoje, Gavião é uma freguesia com empresas de renome nacional Igreja Paroquial de Gavião e internacional, bem próxima da cieste humilíssimo Zamário, nesse tuada no Território Portucalense, dade de Famalicão. Conta ainda longínquo dia 20 de Junho de 1072, sob o monte de Vermoim. com muitas associações que dinanos deu a primeira informação da Nos meados do século XVIII, se- mizam inúmeras atividades nesta freguesia de Gavião, que estava si- gundo os dados das Memórias Pa- localidade. pub

pub


18

pública: 19 de maio de 2014

especial

Manuel Carvalho, presidente da Junta de Freguesia de Vermoim

“A prioridade é a educação e a ação social” Na campanha para as Autárquicas, Manuel Carvalho não fez qualquer promessa. Preferiu primeiro se r eleito e depois começar a realizar o seu trabalho, consciente do que realmente tinha pela frente. Em Vermoim, o autarca já inovou, oferecendo lanche a todas as crianças do pré-escolar e do 1º ciclo. Para o futuro, fica o desejo de fazer muito mais, nomeadamente a construção de um eco roteiro de Vermoim OPINIÃO PÚBLICA: Assumiu recentemente a presidência da Junta de Freguesia de Vermoim. Como têm decorrido estes primeiros meses? Manuel Carvalho: Um balanço extremamente positivo. É a continuidade de uma grande responsabilidade e orgulho de representar a freguesia com mais história de Famalicão. Os tempos atuais exigem a qualquer Presidente de Junta uma disponibilidade total para com os seus concidadãos e muitas vezes sentimo-nos impotentes para dar a resposta que gostaríamos. Contudo, aquilo que os vermoinenses podem esperar de mim, da Junta de Freguesia, é a contínua e total disponibilidade e entrega à freguesia, à resolução dos seus problemas, dos seus anseios, das suas preocupações e um facilitador de todas as iniciativas que tragam mais e melhor qualidade de

vida.

B.I. do autarca Nome: Manuel Joaquim Rodrigues de Carvalho Profissão: Escriturário Nascimento: 3 de novembro de 1958 Livro preferido: “O Código da Vinci” Música ou banda de eleição: GNR Filme favorito: “Os canhões de Navarone” Hobbies: passear a pé e andar de bicicleta Destino de sonho: o nosso país, Portugal Prato preferido: bacalhau Qualidade que mais admira nos outros: a paciência em me ouvirem Defeito que não suporta: mentira Palavra preferida: paz

consultas médicas, medicamentos, apoios para pagamento de bens Quais as primeiras medidas que to- básicos e essenciais. Todas estas mou? medidas já estão no terreno e seAs intervenções de relevo passam rão reforçadas de acordo com as por ações muitas vezes não visí- necessidades e as solicitações. veis, mas de grande importância, fundamentais para o nosso bem- Que obras estão, neste momento, estar. Ao longo da campanha elei- no terreno? toral não realizei nenhuma pro- Temos realizado, neste primeiro semessa para a qual não tinha a mestre do ano, obras de manutencerteza e convicção de que, com o ção e elaboração de projetos para orçamento disponível e a situação o cumprimento do nosso Plano Plurianual de Investimento, aprovado económica, a poderia realizar. A primeira prioridade é a educação para o decurso do mandato. Temos e a ação social. A minha primeira efetuado pequenas obras, mas de medida como presidente de Junta grande utilidade para as pessoas, de Freguesia foi colocar para todos como, recentemente, no cimo da os nossos alunos da educação pré- Avenida S. José do Monte, que perescolar e 1.º ciclo lanches saudá- mitirá o alargamento da rota da reveis. Hoje, os encarregados de edu- colha de resíduos sólidos, evitando cação não têm de se preocupar em a deslocação de pessoas, muitas colocar o lanche para os seus edu- delas seniores. Apesar de um incandos. Sabem que, diariamente, vestimento não tão significativo, têm, no período da manhã e no pe- estamos a concretizar, assim, mais ríodo da tarde, um lanche saudá- um compromisso. Em termos de invel, nutritivo e equilibrado. Somos fraestruturas, tenho como comprodas poucas autarquias do país a missos o alargamento das redes proporcionar lanches gratuitos para públicas de água e águas residuais todos os alunos. Para além de uma e melhoramento da rede viária, medida de educação alimentar e além da construção de rede de saúde pública, é uma medida de águas pluviais. equidade social, terminando, assim, com a diferenciação dos lan- Tem sentido o apoio da Câmara de ches, e uma medida de apoio às fa- Famalicão? mílias e aos parcos orçamentos O município sempre foi um interlofamiliares. Temos o apoio a muitas cutor e um parceiro ativo na execufamílias e a idosos, com apoios em ção dos projetos desenvolvidos pub


especial

pública: 19 de junho de 2014 19 pub

nas e pelas freguesias. A Câmara, e muito especialmente o presidente, Dr. Paulo Cunha, tem mantido com todos os presidentes de Junta de Freguesia um trabalho colaborativo e disponível, pois é um admirador e um defensor de uma política de proximidade que as juntas de freguesia representam. Quanto a Vermoim, o Sr. Presidente da Câmara Municipal sabe das nossas necessidades, conhece o nosso Plano Plurianual de Investimento, que tem a duração de um mandato e sabemos que tudo fará para que esse mesmo plano se concretize. Vermoim possui várias associações que assumem um papel importante… O movimento associativo ressuscitou em Vermoim em meados da década passada. Hoje são o motor da pujança desportiva, cultural e social da freguesia. A Junta está, como sempre esteve, próxima do movimento associativo, pois reconhecemos o trabalho meritório, dedicado e muitas vezes incompreendido que dezenas de voluntários prestam a centenas de crianças, jovens, adultos e seniores. Os movimentos sabem que contam com a Junta de Freguesia como agente facilitador e colaborativo das iniciativas. Vermoim conta com uma equipa bicampeã nacional de futsal feminino e com um projeto de formação notável na modalidade levado a cabo pelo FC Vermoim; com um dos núcleos de teatro mais antigos do município, que, após vários anos de interregno, regressou com uma dinâmica e qualidade que nos orgulham a todos, associados às diversas atividades desportivas, das quais saliento o andebol, levadas a cabo pela Associação Cultural de Vermoim; uma mão cheia de campeões nacionais e títulos internacionais conquistados pela Associação Moinho de Vermoim; um grupo de BTT sempre pronto para as pedaladas pelo GD da Floresta; uma associação, S. Pedro, liderada por um homem notável, de entrega a causas, o nosso Zé Ringo, que é responsável, há mais de duas décadas, pela organização das festividades em honra a S. Pedro; os nossos Escuteiros e a Fraternidade, sempre presentes e em alerta; os movimentos religiosos, o Recreio do João, a APPACDM que têm tido um trabalho próximo da população; e, por fim, os movimentos informais de cidadãos que têm levado a cabo um conjunto de iniciativas em prol de todos nós. Quais os projetos que gostaria de ver na sua freguesia? Há um projeto que gostaria de ver concretizado que é a construção de um eco roteiro de Vermoim, aproveitando as excelentes condições existentes, com uma mancha verde enorme, com possibilidade de construção de caminhos pedestres, de um parque de lazer nas imediações do nosso Caruito (local onde está cruz no topo de monte), devolvendo um local que faz parte integrante da nossa memória coletiva, um centro interpretativo do nosso Castelo de Vermoim, o incentivo da permacultura, o revitalizar de toda uma área, aliando o desporto, o ambiente, a cultura, a educação e o lazer. Vamos aguar-

Programa das Comemorações do Dia da Freguesia  Sábado, 21 de junho 15h30: Abertura da Mostra Associativa 20h00: Noite Cultural: Atividades culturais com a participação das associações Espetáculo Musical com a Banda Pop Lux  Domingo, 22 de junho 9h00: Cerimónias protocolares Hastear das Bandeiras Sessão Solene no Salão Nobre

Entidades e associações de Vermoim  Associação Cultural de Vermoim  Associação Moinho de Vermoim  Futebol Clube de Vermoim  Corpo Nacional de Escutas  Fraternidade Nuno Alvares  Grupo de Jovens  Associação S. Pedro de Monte dos Combros  GD Recreativo da Floresta  Academia de Karaté Alex Ryu Jitsu de Vermoim  Jardim de Infância de Agra Maior  EB1 de Agra Maior  EB1 de Estalagem dar pelo novo quadro comunitário para, numa candidatura que poderá envolver várias autarquias, parceiros e acima de tudo os cidadãos, ver concretizado este projeto de grande afirmação territorial. Que mensagem gostava de deixar às pessoas de Vermoim? Os vermoinenses já me conhecem há muitos e muitos anos. Como autarca há princípios que transmiti aos meus concidadãos em setembro passado, que não abdico. Em primeiro lugar, a seriedade intelectual no discurso: não prometer aquilo que não posso cumprir. Em segundo lugar, uma governação realista, orientada para uma definição clara e coerente de prioridades e consciente do orçamento da Junta de Freguesia. Em terceiro lugar, a mesma motivação, determinação, energia e dedicação a uma causa, a uma terra, a um povo, a Vermoim. Em quarto lugar, uma maior aposta naquilo que designei pelo software, não descurando o hardware, deixando a política de betão e investindo na construção de massa crítica, que proporcione maior qualidade de vida. Aproveito e lanço um desafio para um maior envolvimento dos cidadãos nas tomadas de decisão. Os mandatos que nos conferem são efémeros e é importante a envolvência cívica de um grande número de pessoas, para não só dar uma maior almofada de conforto ao decisor, mas ouvir visões diferentes, válidas, pois as pessoas passam e as instituições permanecem.

Núcleo de Teatro ACV realiza Grande Prémio de Carrinhos de Mão O Núcleo de Teatro da Associação Cultural de Vermoim (NUTEACV) levará a efeito o 1º Grande Prémio de Carrinhos de Mão no próximo sábado, dia 21 de junho, a partir das 21 horas, junto à Capela de Vermoim. Inserida nas comemorações do Dia da Freguesia de Vermoim, a iniciativa ocorrerá no âmbito do espaço e tempo cedido às associações da freguesia, em que a ACV se fará representar ainda por coreografias da responsabilidade das secções de ginástica e de andebol. No dia em que se inicia o verão, o NUTEACV chama a si este importante momento de recreio popular alargado à população em geral que está assim convidada a inscrever-se de forma gratuita através do 962 663 412. A participação implica apenas a apresentação de equipas de duas pessoas com pesos similares, que se devem apresentar com o seu carrinho de mão (de apenas 1 roda).

pub

pub


20

pública: 19 de junho de 2014

especial

Joaquim Rodrigues, presidente da Junta de Gavião

“O melhor da nossa terra são as pessoas” Joaquim Rodrigues foi eleito, nas últimas Autárquicas, como presidente da Junta de Gavião. Apesar de muitas dificuldades, o autarca acredita que ele e a sua equipa estão a trabalhar com afinco para resolver as questões mais urgentes da freguesia. Em curso estão intervenções no cemitério e também na Rua Joaquim Moreira Pinto e Rua de Além. Mas, a intenção é fazer cada vez mais pela freguesia. OPINIÃO PÚBLICA: Tomou posse, recentemente, como presidente da Junta de Freguesia. Qual o balanço que faz destes primeiros meses de mandato? Joaquim Rodrigues: Faço um balanço extremamente positivo. Bem sei que estes primeiros meses que levo como presidente da Junta de freguesia são apenas o início de um percurso, mas penso que já permitem comprovar o empenho, dinamismo e dedicação que eu e a minha equipa colocamos no nosso trabalho. Os problemas e desafios com os quais nos deparamos no dia a dia, muitas vezes acrescidos pelo atual contexto de constrangimentos para algumas pessoas e famílias, vão sendo ultrapassados.

Rua de Além, caminho municipal 1480, é uma via estruturante para a freguesia e o estado de degradação a que chegou, toda a população, em especial os que mais por lá circulam, sentem a grande diferença e a satisfação pela qualidade da obra. Esta intervenção vem oferecer segurança a veículos e peões. Quais são, no seu entender, as principais prioridades para a freguesia? Para além da continuidade das obras, cabem ainda muitos outros investimentos na área da requalificação urbana, a continuidade da rede de saneamento básico de modo a acrescer o bem-estar da nossa população para que possam ter um melhor conforto, bem como melhorar a qualidade ambiental da freguesia. Queremos também apostar na valorização dos nossos espaços públicos, de modo a potenciar o convívio social e contribuir para a dignificação desses mesmos locais.

Gavião é uma freguesia que tem conseguido cativar população e investimento? Gavião tem uma localização geográfica privilegiada, por isso tem condições para poder potenciar ainda mais a fixação de população e investimento. Melhorando as artérias estruNeste momento, que intervenções de relevo turantes do desenvolvimento urbanístico da estão a decorrer na freguesia? freguesia, veremos mais população e investiNeste momento temos intervenções no cemi- dores quer na indústria ou comércio local. tério que estão a decorrer a bom ritmo, com a construção de muros, para depois se poder Na sua opinião, quais as mais-valias da sua dar seguimento à parte interior. Atendo à ne- freguesia? cessidade e urgência pelo facto de o ‘velho’ O melhor da nossa terra são as pessoas. São cemitério estar totalmente lotado, esta é uma elas o centro e a referência das nossas deciobra que não pode parar. Também a requali- sões e das nossas opções. O momento não é ficação da Rua Joaquim Moreira Pinto e da fácil para ninguém e particularmente para al-

gumas famílias, mas para esses temos o dever acrescido de olhar com maior atenção. De que forma é que autarquia procura ajudar as pessoas? A crise sente-se por todo o lado, Gavião não é exceção, muito embora para além da autarquia Gavião conta com a Conferencia Vicentina, a Cooperativa de Solidariedade Mais Plural e o Lar S. João de Deus da Santa Casa da Misericórdia, que em muito têm colaborado para apoiar algumas famílias mais vulneráveis na freguesia. No aspeto das respostas sociais, a freguesia de Gavião está bem servida? Gavião na área social é uma freguesia que se pode sentir privilegiada ao nível de infraestruturas sociais. Há sempre espaço para mais, porque os serviços também podem ser mais e diversificados entre estruturas. Estas também contribuem para um desenvolvimento mais

B.I. do autarca Nome: Joaquim Martins Rodrigues Profissão: Técnico Administrativo Nascimento: 25 de Abril de 1957 Banda de eleição: Madredeus Filme favorito: “Música no Coração” Hobbies: caminhar Destino: a minha casa Prato preferido: Cozido à Portuguesa Qualidade que mais admira nos outros: sinceridade Defeito que não suporta: mentira Palavra preferida: solidariedade pub


especial

pública: 19 de junho de 2014 21 pub

sustentável de famílias gavienses. Como autarca, eleito pelo PS, tem sentido o apoio da Câmara de Famalicão, sustentada pela coligação PSD-PP? Como autarca, tenho sentido uma relação saudável, sem qualquer constrangimento, que me faça sentir diferente de todos os outros colegas autarcas. Gavião é uma freguesia com empresas de renome. Como encara essa riqueza empresarial? Contar em Gavião entre muitas outras grandes empresas, como a Primor Charcutaria-Prima, S.A. e a Vieira de Castro Produtos Alimentares, S.A., é um orgulho para todos os gavienses. São empresas de renome internacional que dão emprego a muitos gavienses, contribuindo para um aumento na área económica e social, trazendo também notoriedade à freguesia. Gavião é, igualmente, rica em associações. Qual a importância destas para a dinâmica da freguesia? Gavião apresenta uma dinâmica associativa particularmente relevante. Consideramos que as associações são o fulcro do desenvolvimento cultural, recreativo e desportivo, não só pelas atividades que desenvolvem, mas também porque conduzem a uma maior coesão social. Um bom exemplo são as atividades que estão a ser desenvolvidas no programa das comemorações do Dia da Freguesia. Um exemplo que a todos deve orgulhar. Quais os projetos mais emblemáticos que gostaria de ver na sua freguesia? Cada vez mais ser autarca é um grande desafio. Mas isso também incentiva a que se seja mais criativo. Apresentamos aos gavienses um projeto de trabalho até 2017 e trabalharei para que Gavião seja referência principalmente nas áreas sociais e acessibilidades.

Entidades e associações de Gavião  Jardim de Infância de Gavião  Escola EB1 de Gavião  Escola EB 2,3 D. Maria II  Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola EB1 e Jardim de Infância de Gavião  Corpo Nacional de Escutas - Agrupamento 357 Gavião  Grupo Infantil e Juvenil Santiago de Gavião  União Desportiva Bairrense  Grupo Recreativo de Gavião  Associação Cultural e Desportiva de Além Rio  Sport Krachtbal Clube  Milho D'Oiro - Associação Cultural e Artística de Gavião  Gaviolas - Associação Cultural, Recreativa e Musical  Lar S. João de Deus  Mais Plural – Cooperativa de solidariedade social de Solidariedade Social de Apoio a Crianças, Jovens e Idosos, C.R.L.  Conferência Vicentina  Associação Papa Léguas de Famalicão Que mensagem gostava de deixar aos gavienses? Em tempo de comemorações do Dia da Freguesia, quero reforçar lembrando que vivemos numa terra maravilhosa e dinâmica, onde todas as forças vivas revelam espírito de iniciativa, numa atitude sempre positiva. Irão haver muitos e variados eventos todos eles orientados para uma maior coesão social. Mas acima de tudo, espero que a população sinta cada vez mais esta terra que é sua, que se orgulhe dela e sinta que estamos todos a trabalhar para os gavienses. pub

8ª Corrida Popular de Gavião O Grupo Recreativo de Gavião, com o apoio da Câmara de Famalicão e da Associação de Atletismo de Braga, organiza, no próximo sábado, às 18horas, a 8ª Corrida Popular de Gavião. A iniciativa terá um percurso de 6 quilómetros com início e chegada no Parque das Ribeiras.

O Sport Krachtbal Clube organizou o 1º Trail Noturno de Gavião O Sport Krachtbal Clube, com os seus departamentos de montanha e BTT, Calcantes e Calcandopedal, organizou, no passado fim de semana, o 1º Trail Noturno de Gavião, atividade inserida no programa das comemorações do dia da freguesia de Gavião 2014. Esta atividade que, agora, começa a ser divulgada com mais regularidade, mas muitas pessoas ainda desconhecem, contou com cerca 50 participantes, que percorreram vários caminhos e trilhos da freguesia. O circuito contemplou ainda diversas passagens em propriedade privada. “Agra-

decemos a cedência de passagem por parte dos proprietários, o que veio enriquecer o percurso com partes mais técnicas”, afirmou a organização. Aliás, dada a boa adesão e o feedback positivo por parte dos participantes, o Sport Krachtbal Clube começa já a pensar numa nova edição, apesar de isso implicar “muito trabalho no reconhecimento e na marcação do percurso, obedecendo a uma grande logística”. “Mas com a nossa excelente equipa, iremos alcançar o sucesso, como aconteceu nesta primeira edição”.

Associação Milho D’Oiro promove Feira de Talentos No próximo fim de semana, dias 21 e 22 de junho, sábado e domingo, a Associação Cultural e Artística de Gavião, a Milho D’Oiro, promove a “Feira de Talentos – 2ª Feira de Artesanato Urbano”. A iniciativa vai decorrer no adro da Igreja de Gavião e está inserida nas comemorações do Dia da Freguesia. O objetivo passa por apoiar e dar a conhecer o artesanato urbano e a criatividade dos artesãos à comunidade, bem como proporcionar momentos culturais e de diversão a todos os visitantes. No sábado, dia 21 de junho, a Feira abre às 14 horas e promete uma tarde cheia de animação, que terminará com o 28.º Festival de Folclore, pelas 21 horas. Já no domingo, a Feira abre às 9 horas e encerra às 13 horas.

pub

Oe1154  
Advertisement