Issuu on Google+

77

“Você jamais será livre sem uma imprensa livre” VENELOUIS XAVIER PEREIRA

ANOS

EDIÇÃO No 22.276 n R$ 2,00 n www.oestadoce.com.br

FORTALEZA - CE n Sexta-feira, 13 de junho de 2014

DIA HISTÓRICO

Apito, Neymar e Oscar definem vitória do Brasil Em dia emocionante do começo ao fim, Brasil teme tragédia com gol contra no início do jogo, mas Neymar e Oscar assumem protagonismo e marcam na virada por 3 a 1 sobre a Croácia. Seleção ainda teve ajuda do juiz, que marcou pênalti inexistente com partida empatada. ESPORTES 21 A 24 NAYANA MELO

VIOLÊNCIA. Manifestantes protestam na Beira Mar. Black Blocks atearam fogo em lixeiras de plástico, rasgaram bandeiras do Brasil e Polícia teve trabalho para conter focos de vandalismo. Novas manifestações devem ocorrer ao longo da Copa. GERAL 12

STF adia decisão sobre aumento de vagas na Câmara e Assembleias

DIVULGAÇÃO

O Ceará poderá ganhar mais quatro vagas de deputados, duas de federais em Brasília e outras duas de parlamentares estaduais na AL. POLÍTICA 3

ANDERSON SANTIAGO

FAN FEST. 15 mil torcedores reuniram-se no segundo Fifa Fan Fest que aconteceu no Aterro da Praia de Iracema, para assistir à transmissão do jogo Brasil e Croácia, primeira partida da Copa do Mundo. Muitos turistas marcaram presença no evento. GERAL 13

Pré-candidatos do Nordeste ao Senado têm encontro com Lula

Representantes de cinco estados participam do encontro que será realizado em Recife. A ideia é alinhar o discurso de reeleição de Dilma. POLÍTICA 5

TRE tem horário diferenciado em dias de jogos no Ceará

Ponto facultativo foi adotado para dias de partidas em Fortaleza. Nos outros jogos, o atendimento será em um único expediente. POLÍTICA 4

CORRUPÇÃO

Ministério Público ajuíza ação contra ex-prefeito de Jucás

Investigações foram motivadas após denúncias de que servidores municipais não receberam os salários de novembro e dezembro de 2012. CEARÁ 16

Definida como será adesão à reabertura do Refis da Crise Humorista consagrado é referência nacional

ENTREVISTA

Paulo Diógenes celebra 26 anos de carreira

Humorista, famoso por sua personagem Raimundinha, conversou com o jornal O Estado e falou sobre seu trabalho como vereador na defesa dos gays e ajuda aos dependentes químicos. ARTE & DIVERSÃO 20

Blatter e Dilma são hostilizados no Itaquerão NACIONAL 7

Repórter da CNN é ferida durante protesto em SP ÚLTIMAS 8

TIAGO STILLE

Refinanciamento de dívidas já foi determinado para o parcelamento ou pagamento à vista de tributos vencidos até 30 de novembro de 2008. ECONOMIA 9

Funcap investe R$ 12 milhões em bolsas de estudo ECONOMIA 11

Consumidores pisam no freio e setor sofre baixa de acordo com pesquisa do IBGE

VAREJO

Vendas do comércio no mês de abril recuam 0,4%

Alta acumulada, no ano, é de 5% e, em 12 meses terminados em abril, expansão é de 6,7%. O Ceará aparece com o quarto melhor resultado em todo o Brasil. ECONOMIA 10

www.dragao.com.br


2

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

GERAL

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

Desnutrição: é preciso combatê-la de frente Um dado pavoroso. Segundo dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), 842 milhões de pessoas em todo mundo são afetadas pela subnutrição. A FAO reconhece que muitos avanços foram feitos para vencer essa deficiência, mas que ainda há muito a ser feito. Ainda de acordo com a Organização, a subnutrição causa uma perda econômica considerável, que ficaria perto dos 5% do Produto Interno Bruto mundial. Se é certo que o mundo, nas últimas décadas, vem prestando particular atenção à alimentação, não se pode dizer o mesmo a respeito da nutrição das pessoas, e é preciso despertar a sociedade para essa questão

também. A subnutrição é um assunto público e não privado, de modo que as sociedades, não somente os indivíduos, têm de abordá-lo com franqueza. Desse modo, a FAO pretende reforçar uma declaração política, com o compromisso de aprovar ações efetivas e coordenadas para melhorar a nutrição, com o objetivo de estabelecer um quadro de ação com orientação técnica para a implementação de medidas que possibilitem, às diferentes estratégias nacionais, ações coerentes e eficazes para combater a subnutrição. Outro dado chocante que reforça essa necessidade: segundo os dados da FAO, aproximadamente 45% das 6,9 milhões de mortes de crianças que se

registam anualmente estão vinculadas à subnutrição e um total de 162 milhões de menores de idade são afetados pela subnutrição crônica. Além disso, dois milhões de pessoas são afetadas por problemas de deficiências de micronutrientes e 500 milhões de pessoas sofrem de obesidade. Sociedades, governos, ONGs e cidadãos precisam dar as mãos e lutar para diminuir essas estatísticas drásticas ao redor do mundo. A nutrição errada pode, sim, ser vencida, se todos nos conscientizarmos para a necessidade de fomentar uma alimentação saudável e em quantidade suficiente para todos os homens, mulheres e crianças do mundo.

Política de participação social

A Copa do Mundo O povo brasileiro, identi�icado por sua hospitalidade e alegria, vive momentos de incontidas alegrias, quando de todas as partes do mundo, aqui estão representadas por suas equipes de futebol para a realização da Copa do Mundo. De todos os esJoão Gonçalves portes, segundo dados ACADEMIA recentes publicados LIMOEIRENSE pela mídia, o brasileiro nutre “reconhecida paixão” pelo futebol. O esporte constitui o esteio imprescindível para uma vida saudável e congraçamento universal entre os povos, bem como os valores mais profundos que é capaz de nutrir, como lembrou o papa Francisco, em sua mensagem encaminhada aos brasileiros. “O futebol deve ser um instrumento da cultura do encontro, que permita a paz e a harmonia entre os povos. Que a Copa do Mundo seja uma festa da solidariedade entre os povos e ajude a constuir uma sociedade mais pací�ica e fraterna – a�irmou o Papa Francisco. A mídia nacional e internacional, em longas reportagens, vem mostrando ao mundo a nossa hospitalidade e alegria, “genética da gente brasileira”. Nossos visitantes terão a oportunidade de conhecer a riqueza cultural, que pontua nossa terra, sua gente, sua arte, sua religiosidade, seu patrimônio histórico e sua extraordinária diversidade ambiental. Somos uma Nação pací�ica, cultural, religiosa, faltando-nos tão somente uma melhor representação política, mas mesmo assim, vivemos num pais democrático. A Copa do Mundo, ora realizada no Brasil, se constitui num momento singular, único, para uma profunda re�lexão sobre as relações pací�icas entre os povos, bem como sobre os aspectos sociais e econômicos que envolvem o esporte, como cerne da fraternidade, confraternização entre povos distintos, desde que “o dinheiro e o sucesso �inal não prevaleçam como objeto �inal – a�irma o Papa Francisco. Ao �inal da Copa do Mundo, o seu sucesso não deverá ser medido, avaliado, pelos valores injetados na economia local ou pelos estratosféricos lucros proporcionados aos seus patrocinadores. “Seu êxito deverá ser aferido na garantia de segurança para todos, sem o uso da violência; no respeito ao direito às pací�icas manifestações de rua, na criação de mecanismos, que impeçam o trabalho escravo, o trá�ico humano e a exploração sexual, sobretudo, de pessoas socialmente vulneráveis e combatam, e�icazmente, o racismo e a violência. A sociedade brasileira espera que as nossas autoridades constituidas apliquem o “padrão Fifa” para a melhoria da saúde pública, educação com qualidade, segurança pública, en�im, implementem um “projeto de governo” e não um, “projeto de poder”, que vive o nosso País. Vivamos o projeto “Copa da Paz”.

EXPEDIENTE “Você jamais será livre sem uma imprensa livre” VENELOUIS XAVIER PEREIRA Fundado em 24 de setembro de 1936 por José Martins Rodrigues - Venelouis Xavier Pereira (1964 -1996). Somos assinantes da agência Folha. O Estado não se responsabiliza pelo conteúdo das matérias assinadas. PABX: (85) 3033.7500 - Presidente: Wanda Palhano - Superintendente: Ricardo Augusto Palhano Xavier 3033.7501 - Diretora Financeira: Soraya Palhano 3033.7512 3033.7513 - Diretora Institucional: Solange Palhano 3033.7502 Diretora de Marketing: Rebeca Ferrer Xavier - Editor-Geral: Carlos Alberto Alencar 3033.7506 - Telefones (Redação): 3033.7518, 3033.7504, 3033.7505 - Comercial: 3033.7514, 3033.7515, 3033.7511 FAX: 3454.1034 - Assinatura: 3033.7508, 3033.7509 E-mail: comercial@oestadoce.com. br - Redação e Oficinas: Rua Barão de Aracati,1320 - Aldeota, Fortaleza - Ceará - Cep: 60.115-081.

A arte de reconhecer os próprios erros Uma das maiores dificuldades exercitando a humildade ou nos da raça humana, sem dúvida, é refortalecendo após superarmos os conhecer os próprios erros. E olha conflitos. Não conheço melhor que não é uma coisa que se aprenforma de compreensão do mundo de na escola: desde bem pequenos, do que errar sucessivamente. Alidissimulamos, mentimos, responás, já imaginou o peso de guardar sabilizamos o irmão mais novo, o segredo de um erro dentro de não assumimos para nossa própria você durante dias, meses, anos? mãe a traquinagem que fizemos. Acho que é isso que Cristo quer Parece ser genético, um compoexpressar quando nos diz “a vernente rasteiro de nossa natureza. dade vos libertará”. A tendência instintiva a “tirar o Mas não é só isso. Quem assunosso da reta” é um capítulo bem me o erro tem um poder inimaDemétrio formulado no livro da individuaginável: acalma ânimos, encerra lidade. Primeiro eu, o resto que se discussões, evita brigas. E não se Andrade resolva. Um problema de graves surpreenda se, mesmo após ser JORNALISTA proporções que é levado para a E SOCIÓLOGO execrado num primeiro momenuniversidade, local de trabalho, núto, as pessoas, posteriormente, cleo de amigos, espaços religiosos lhe confessarem admiração pela e todas as demais esferas da convisua coragem. Justamente por vência social. O sentido da coletividade entre tratar-se de uma qualidade rara, você acaba humanos é lição de casa e de rua. E o uso da sendo valorizado por isso. expressão “eu errei” numa sociedade que exiClaro que, se você tem certeza que está ge perfeição e competitividade pode ser tra- correto, aguente firme e vá pra cima defenduzido como um atestado de incompetência, der seu ponto de vista. Mas por várias vezes, fracasso e derrota. Besteira. É justamente o principalmente em minha vida profissional, contrário do que se costuma acreditar. desmantelei o ímpeto de quem queria comer Assimilar a pancada das consequências meu fígado dizendo simplesmente: “é, tá erde um erro pode apresentar-se, à primeira rado, me desculpe, vamos corrigir”. Experivista, como um pensamento insuportável. mente. Você se sentirá como Moisés abrinMas, ao tentarmos jogar a culpa de um erro do o Mar Vermelho. E, mesmo que o oceano nosso no outro, no destino ou nas contin- inteiro caia sobre você depois, ninguém lhe gências, perdemos uma chance maravilhosa tirará a oportunidade de aprender a nadar e de crescer – ou aprendendo com o erro ou voltar à superfície.

Aguardada a reestruturação do Dnocs Desde abril do ano passado, inclusive o seu eficaz posicionaapós reunião entre o presidenmento para amparar a convivênte Henrique Eduardo Alves e a cia do Polígono com a prolongaministra do planejamento Mida estiagem, que, ali, prossegue, riam Belchior, os servidores em uma situação de deficiência do Dnocs, com o meu decidipluviométrica, trazendo, em condo apoio, aguardam a definisequência, prejuízos aos sertaneção quanto à ESTRUTURAÇÃO jos que, ali, mourejam para a sua daquele órgão, sem que nada sobrevivência, notadamente ao prosperasse efetivamente, não realinhamento com novas alterpassando de cogitado estudo, o nativas assistenciais sugeridas qual chegou a ser apresentado à por técnicos especializados, coMauro bancada federal nordestina, por Benevides nhecedores, portanto, dos efeitos servidor qualificado do Ministédanosos da calamidade. DEPUTADO Diante dessa delonga, entendi rio da Integração. FEDERAL de meu dever registrar meu apelo O então titular da Pasta, Fernando Bezerra Coelho tomou nesta coluna, a fim de conclamar para si a tarefa de encaminhar os ministérios do Planejamento os estudos a técnicos especializados, mas, e Integração Nacional para que, numa até agora, não chegou a Câmara dos Depu- ação conjunta, empreenderem a propalatados a proposição governamental, o que da REESTRUTURAÇÃO, cujo adiamento deixa frustrado o QUADRO DE PESSOAL espelha um sentimento de descaso para da tradicional Autarquia, ainda no aguar- algo de vital significado para nove estado de uma diligência que não conseguiu dos daquela faixa territorial. varar os obstáculos da burocracia oficial. Por tudo isso, tento voltar a uma nova Resta, agora, ao novo ministro, o cea- e veemente solicitação, à própria presirense Francisco Teixeira, a tarefa de efe- dente Dilma Rousseff, no sentido de que tivar tão justo anseio de servidores ativos determine a remessa do projeto ao Lee inativos, todos pressurosos para ver a gislativo, já que o mesmo é fundamental velha Ifocs situado em um patamar que para a região que tenho a honra de relhe garanta atender a uma premente re- presentar no Congresso Nacional. Depualidade de desafios de real magnitude, tado Federal.

Nunca é demais ressaltar o parágrafo único do artigo primeiro da nossa Carta Magna: “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição”. É certamente um dos trechos que mais aguça o sentimenArtur to de democracia que Bruno ficou suspenso por períDEPUTADO odos históricos, como a FEDERAL Ditadura Militar (19641985), por exemplo. O que está no papel, entretanto, nem sempre é o exercido no nosso cotidiano. A baixa participação popular nas principais decisões dos governos de todos os níveis, federal, estaduais e municipais, ainda é uma realidade infeliz. As manifestações de junho de 2013 ecoaram a vontade que a sociedade tem de participar das mais importantes tomadas de decisões com impacto direto na vida de cada cidadão e cidadã brasileiros. Por conta do distanciamento entre o povo e os representantes eleitos, o feedback é quase inexistente. Mecanismos de participação popular como referendos e plebiscitos são poucos utilizados. Entretanto, o governo encontrou uma saída para institucionalizar a participação popular junto aos órgãos federais. A presidenta Dilma Rousseff assinou decreto – em 23 de maio de 2014 - instituindo a Política Nacional de Participação Social. O objetivo é “garantir instâncias permanentes de diálogos e incentivar a participação da sociedade na elaboração, na implementação e no acompanhamento das políticas públicas”. A internet é utilizada como instrumento essencial para o sucesso dessa política. Existem hoje 40 colegiados entre conselhos e comissões nacionais, com composição de 55% de membros da sociedade civil contra 45% de integrantes do governo. Entre 1992 e 2002, foram realizadas 27 conferências nacionais para formulação e avaliação sobre temas de interesse público. De 2003 para cá, esse número saltou para 94. Reações, evidentemente, já surgiram. Aqueles que não têm interesse em mudar esse cenário de baixa participação popular alegam que o Legislativo é o foro adequado para manifestações da sociedade. Pelo menos nove partidos se mobilizam para derrubar o decreto, o que seria um retrocesso. O governo Dilma, com o decreto, demonstra mais uma vez o forte espírito republicano fortalecer a participação popular nas decisões mais importantes para o País. Cabe aos demais poderes seguir o exemplo e incentivar mecanismos semelhantes para dar mais voz ao povo, o verdadeiro detentor do poder em uma democracia representativa.

FALE CONOSCO Após quatro, anos ela chegou: Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014, que estreiou com a Seleção em campo em jogo contra a Croácia, em São Paulo. Em Fortaleza, tudo já está pronto para acompanhar a partida é o que diz, em voz única, os poderes públicos do Ceará. Que a nossa cidade receba, de modo harmonioso e caloroso, todos os visitantes que aqui aportarem para acompanhar mais uma partida da nossa querida Seleção Brasileira. É a magia do esporte unindo povos e mentes. RONALDO SIQUEIRA ENVIE SUA OPINIÃO PARA oestado@gmail.com


Política CÂMARA E ASSEMBLEIA

STF adia decisão sobre aumento de vagas O Ceará poderá ganhar mais quatro vagas de deputados, duas de federais em Brasília e outras duas de parlamentares estaduais na AL

O

Supremo Tribunal Federal (STF), na última quarta-feira (11), após realizar a leitura do relatório sobre a resolução do Tribunal Superior Eleitoral (STE), que altera o tamanho das bancadas estaduais na Câmara dos Deputados, decidiu adiar, para a próxima semana, o julgamento da constitucionalidade da norma. Para a suspensão da sessão, o ministro Gilmar Mendes, um dos relatores do processo, alegou que o voto seria longo e que o tempo regimental não seria suficiente daria para fazê-lo. Se for julgado constitucional, o Ceará poderá ganhar mais quatro vagas de deputados, duas de federais na Câmara, em Brasília, e outras duas de parlamentares estaduais na Assembleia Legislativa do Ceará. A composição das bancadas passaria a contar com 24 deputados federais e 46 parlamentares na AL. Caso seja aprovada, a mudança já valerá para as eleições de outubro, repercutindo em 13 estados. A contestação sobre a mudança na composição das bancadas na Câmara começou após a decisão favorável do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que julgou, em abril do ano passado, um recurso da Assembleia Legislativa do Amazonas, onde alegou que a representação populacional do estado na Câmara não condizia com a realidade, pois tinha como referência um censo defasado. A Casa alegou ainda que estados com menor população como Alagoas e o Piauí tinham mais representatividade na Câmara, com nove e

DIVULGAÇÃO

Assembleia Legislativa passará a ter 48 deputados, caso o STF confirme a mudança dez deputados federais contra oito do Amazonas. NOVO ARRANJO O novo arranjo das bancadas foi definido de acordo com o Censo de 2010. Os cálculos levam em conta a população do estado e a quantidade mínima de oito e máxima de 70 parlamentares permitidos por lei para uma unidade da Federação, além do quesito de proporcionalidade exigido pela Constituição. No entanto, em novembro de 2013, a Câmara dos Deputados aprovou o Decreto Legislativo que anulou a resolução do tribunal sobre o número de

deputados de cada estado para as eleições de outubro. Ao retomar o julgamento da questão, na semana passada, os ministros do TSE decidiram derrubar o decreto e restabelecer a decisão original. Em parecer enviado ao STF na semana passada, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, manifestou-se favorável à validade da resolução da Justiça Eleitoral. De acordo com entendimento de Janot, o TSE tem poderes para rever a composição das bancadas dos estados na Câmara. Antes da derrubada do decreto legislativo, cinco ações diretas de inconstitucionalidade

foram protocoladas no Supremo pelos estados de Pernambuco, do Espírito Santo, Piauí e o governo da Paraíba. PERDE E GANHA Conforme a decisão original do tribunal, perderão uma cadeira os estados de Alagoas, Pernambuco, Espírito Santo, Paraná, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Ficarão sem duas cadeiras a Paraíba e o Piauí. O maior beneficiado é o Pará, que terá mais quatro deputados. Além do Ceará, Minas Gerais também ganhará mais duas vagas e o Amazonas e Santa Catarina, mais uma.

PALANQUE

PSDB fará convenção no sábado; Tasso segue cotado para vice de Aécio O PSDB promove a convenção nacional da legenda no próximo sábado, dia 14, em São Paulo, para homologar a candidatura do senador Aécio Neves à Presidência da República nas próximas eleições. Cotado para ocupar a vice-presidência na chapa tucana, o ex-governador Tasso Jereissati deve liderar a comitiva cearense. Segundo o deputado federal tucano Raimundo Gomes de Matos, até o dia do evento, haverá a definição da aliança para apoiar a postulação do senador mineiro e da confecção da chapa majoritária. Com relação ao cargo de

vice, observou que além do PSDB, existem vários partidos apresentando nome. O parlamentar observa que poderá ser formada uma chapa pura, com presidente e vice sendo do mesmo partido. A chapa, avalia ainda o parlamentar cearense, poderá ser “café com leite”, ou seja, presidente de Minas Gerais e o vice de São Paulo. Mas, conforme salientou, uma outra alternativa poderá ser formada por Aécio Neves na cabeça e um nordestino como vice. “Essa vai ser a expectativa até o resto da semana, quando a chapa majoritária vai estar pronta

e homologada”, frisou. Matos observou que há uma preocupação de Aécio para aumentar o número de votos no Nordeste, onde a presidente Dilma deverá ter maioria e também o candidato do PSB, Eduardo Campos. “Nós estamos prevendo que deverá haver segundo turno possivelmente com Dilma e Aécio e, por isso, é importante que o nosso candidato aumente os votos no Nordeste”, disse. O deputado lembra que Tasso Jereissati continua cotado para ser o vice de Aécio Neves, mas observa que até agora, o cearense não con-

firmou o desejo de postular o cargo. “Tasso seria o vice ideal, tendo em vista que tem sinalização de muitas lideranças empresariais, não tem mais condição de deixar Dilma Rousseff acabando aos poucos com o Brasil”, pontuou. Dentre os nomes que encorparão a comitiva cearense estão os presidentes estadual e municipal, Luiz Pontes e Tomás Figueiredo Filho, o deputado federal Raimundo Gomes de Matos, a secretária geral, Kamyla Castro, o presidente do Instituto Teotônio Vilela (CE), Carlos Matos, entre outros.

ALIANÇA

PP também reivindicará vice na chapa do Pros Sem a candidatura para a vaga de vice-governador oficializada, o PP decidiu que também reivindicará o espaço na chapa encabeçada pelo indicado do governador Cid Gomes (Pros) à sucessão estadual. A informação é do suplente de deputado federal Paulo Henrique Lustosa (PP), citando o deputado José Linhares, também presidente regional da sigla,

ao cargo. Para ele, a legenda possui musculatura para disputar uma vaga na composição majoritária. Lustosa disse ainda que essa reivindicação é uma aposta também da cúpula nacional do PP. Lustosa, porém, lembrou que o partido possui aproximadamente 2% do tempo de televisão e, portanto, é uma boa somatória na campanha do candidato da base de si-

tuação. Sem apontar qual o nome defendido pelo PP, afirmou apenas que o indicado por Cid deve ter compromisso com o atual crescimento do Ceará. Outro partido que já ventilou a possibilidade de disputar vaga para vice-governador ou, até mesmo, para o Senado Federal é o PDT. Conforme o jornal O Estado antecipou, o presidente

regional do PDT e deputado federal, André Figueiredo, afirmou que a legenda reivindicará a indicação de um nome, que deverá ser do presidente de honra da sigla, Flávio Torres. Nos bastidores, Torres é cotado ao Senado, mas Figueiredo disse que o PDT poderia ficar com a vaga de vice-governador. (com informações de Tarcísio Colares)

3

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Diário Político FERNANDO MAIA

blogdofernandomaia.zip.net fernandomaia@oestadoce.com.br

CAOS PARTIDÁRIO

• Na semana passada, no Senado, ao abordar a situação confusa de nosso sistema partidário, o ínclito senador Pedro Simon (PMDB-RS) não se admira que a quantidade de pessoas filiadas a TODOS os partidos diminua, “prova cabal de que pessoas sérias não mais sentem segurança na condição de cidadãos partidários”. O Brasil, com sua desordem partidária, é um dos poucos países democráticos, avançados ou em desenvolvimento, que não consegue manter um bipartidarismo sólido. A temporada de convenções, mal foi iniciada, mostrou que, em meio a um “enxame” de mais de 30 partidos, apenas dois deles, o PCdoB, e o PSD-3, mantêm-se sem “rachas”. Exemplo mais do que ilustrativo, a convenção do poderoso PMDB, que teve 40% de seus delegados votando contra o apoio à reeleição de Dilma. Não confiam mais na capacidade da “aliada”. Esse tipo de situação, entretanto, vai além. O PT-CE tem duas grandes correntes que não se cheiram: a da Capital ignora as decisões da executiva regional. O PDT, mesmo sendo da base do governador Cid, prepara uma convenção em que se ouvirão discursos de oposicionistas a Cid e ao prefeito Roberto Cláudio. O pleito de outubro tem tudo para ser mais um caos partidário, em que até “nanicos” como o PTC se dispersam em várias “alas”. Não defendemos um falso bipartidarismo tipo Arena versus MDB, na verdade dois amontoados de rivais esquerdistas e direitistas, e uma maioria de oportunistas. Vale sonhar com o dia em que imitaremos os Estados Unidos, a Inglaterra e outros, onde a sociedade soube criar um bipartidarismo que dá força a consagradas democracias. • PROVA... do que dissemos acima, é que, no Ceará, o deputado Danilo Forte (PMDB), embora defensor da pré-candidatura do senador Eunício, deixa claro: Dilma, não! • MALANDRAGEM - O ex-presidente Lula, doido por uma “moleza”, vai percorrer vários estados no final da semana, onde conferirá a situação das alianças com o seu PT. Só não vem mexer no “vespeiro” do Ceará, onde a situação continua das mais confusas entre PMDB e PT. • GREVES - Para o deputado Ely Aguiar (PSDC), ou se muda a lei que regula as greves, ou a sociedade permanecerá refém de desordeiros infiltrados nos

sindicatos de trabalhadores. • ERRADO! Na CMF e na AL, repercutem críticas às isenções de tributos à Fifa na Copa. São lembrados os casos da Alemanha e da África do Sul, que não dispensaram um só centavo. • FOGO DE PALHA... foram tentativas do PSD nacional, de desviar o PSD-CE de seu apoio ao Pros. Reunido, o partido votou pelo apoio unânime ao nome que o governador Cid indicar. • ALIADO - Sem dar bola para o oposicionismo do deputado Heitor Férrer e de meia dúzia de outros dissidentes, o PDT-CE terá sua convenção dia 22. A aliança com o Pros será mantida.

MAGISTRADO Agindo como verdadeiro magistrado, o vereador Walter Cavalcante (PMDB), mesmo com o seu partido quase todo “do lado de lá”, coordenou a votação e aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias da PMF, crucial para a administração da Capital cearense.

• ELEITOREIRO - “O Mais Médicos é arma governamental claramente eleitoreira, já que outras saídas existem”, diz o presidente na Associação dos Médicos do Brasil, Florentino Cardoso.

• BEBUM - Achando pouco, a OAB, mesmo diante daquela tragicômica e vergonhosa cena causada por um profissional do Direito, investe contra o STF, em defesa do seu ”pau d’água”...

• ADMIRANDO - Para o deputado Osmar Baquit (Pros) surpreende muito o vereador Capitão Wagner agredir a AL, mais admira é ter deputados da mesma Casa que lhe dão apoio.

• JOGO SUJO - O MPF deflagra a apreensão de computadores, em todo o País, por conta de campanha difamatória, na internet, de petistas radicais contra o senador-candidato Aécio Neves.

• FORÇA - Em Quixeramobim, o deputado Guimarães ganhou o apoio do PT nacional à sua aspiração ao Senado, com a presença do ministro das Relações Institucionais, Ricardo Berzoini. • COMO NÃO... faltava ocorrer mais nada no STF, o presidente Joaquim Barbosa teve que mandar expulsar “a muque”, o advogado do mensaleiro Genoino, que, embriagado, invadiu aquele Plenário.

• INDISCIPLINA - Sem dar a mínima para o comando regional do partido, o PT de Fortaleza, por conta própria, cria perigosa área de atrito ao decidir por candidatura própria a governador. • PREJUDICANDO As ameaças de greve de vários setores, segundo o vereador Elpídio Nogueira, é uma covarde agressão de alguns grupos a mais de dois milhões de fortalezenses.


4

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

Política MACÁRIO BATISTA

macariobatista@uol.com.br www.macariobatista.blogspot.com

É MUITA GENTE JOGANDO CONTRA • Mesmo na casa do sem jeito, continua neguim jogando contra a Copa, contra o Ceará, contra o Brasil. A imprensa internacional, a que não conhece o Brasil, esculachou a terrinha nas manchetes dos últimos dias, como se isso aqui fosse o fim do mundo. Pior; é como se fôssemos apenas e tão somente São Paulo. Deu destaque aos vagabundos que pararam o metrô de São Paulo, quebraram o pau e, por isso mesmo, foram demitidos por justa causa. É preciso que mais sejam demitidos, mais sejam presos, mais sejam julgados e banidos da sociedade. Mas eu não queria falar disso, não. Queria falar, e comecei assim, da mídia internacional que mandou pra cá seus correspondentes e repórteres e locutores e jornalistas para cobrirem a Copa do Mundo de futebol, esse evento mundial que a Europa queria, os Estados Unidos, também, mas caiu no colo do brasileiro. Pra eles é uma derrota tão grande que não tem como perdoar. Nesse meio tempo, entre a escolha do Brasil e o que foi feito para cumprir o caderno de encargos da Fifa, tirante os ladrões de sempre e a corrupção de lei, ficou um ódio nojento, malcheiroso a coisa rançosa de politicagem de segunda. Os caras de um lado esculhambando o Brasil da Copa e outro, os caras esculhambando a Copa do Brasil. Dois mundos distintos num mesmo corpo, se me permite a imagem. Dolorosa constatação dos que jogam contra. Os caras fazem vídeos e até espalham por gente inteligente esculhambando o Brasil que não tem escola, não tem saúde, não tem segurança. Pode até não ter, mas gerou, a tal copa, milhões de empregos, milhares de novas empresas e a melhoria da qualidade de vida do que vai ficar para milhões de brasileiros. Não, peraí! Ninguém é alienado porra nenhuma, não. É que quem não é caolho, não tem olho vesgo às reticências políticas que entram com oportunismo em situações assim. Sorry periferia, diria o saudoso Ibrahim Sued, mas cavalo não desce escada. Ou sobe?

“Está tendo Copa, sim”. CONSTATAÇÃO PARA QUEM JOGOU CONTRA COM “NÃO VAI TER COPA”.

ALIASMENTE...

Alguns cronistas apostavam que os protestos impediriam ou fariam da Copa um fracasso. Agora que começa com pinta de que será um sucesso, alegam que o povo “sabe distinguir” evento da manifestação. • SEM OSSO, NÃO DÁ - O crescente coro dos descontentes no PMDB exige “um tratamento digno no governo Dilma”. Leia-se cargos e protagonismo nas políticas. • DON’T FORGET Em agosto, há 33 anos, Ronald Reagan baixou a crista da pelegada dos controladores de voo, que ameaçavam parar os EUA. Chamou militares treinados para o serviço, e demitiu a cambada: 11.350. • UM CANTA, OUTRO RESPONDE - “O PMDB do Ceará manteve fidelidade no apoio a esse projeto, que vem dando certo desde a primeira eleição do ex-presidente Lula. Hoje, mantivemos nossa coerência apoiando e dando um passo importante para colaborar com outros avanços para o País”, disse Eunício na convenção do PMDB em Brasília.

• SEI DE TUDO Embora a votação fosse secreta, o grupo de Temer dividiu as urnas de forma milimétrica para identificar os focos do boicote. Os principais foram Rio de Janeiro, Bahia e Ceará. • GRANA CURTA Aliás, a cúpula do PMDB está furiosa com caciques que juraram apoio, mas votaram contra a aliança com o PT de Dilma Rousseff. A retaliação virá na distribuição de recursos para as campanhas estaduais do partido. • É O TROCO - Aliados de Michel Temer prometem fechar os cofres aos diretórios que tentaram enterrar a coligação. Embora tenha declarado que uma vitória por 51% já seria “ótima”, o vice-presidente ficou irritado por deixar a convenção com menos de dois terços dos votos. Disse o Painel.

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

ATENDIMENTO NA COPA

TRE do Ceará tem horário diferenciado

Ponto facultativo foi adotado para dias de partidas em Fortaleza. Nos outros jogos, o atendimento será em um único expediente

A

exemplo de ontem, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) terá funcionamento diferenciado durante os dias de jogo da seleção brasileira. A medida

estabelecida pela Portaria nº 483/2014, assinada pela presidente e desembargadora Iracema do Vale, determina que, nos dias de jogos, o expediente aconteça de 7 da manhã

até o meio-dia. Já nos próximos dias 17 e 24 de junho, bem como no dia 4 de julho, por conta dos jogos da Copa do Mundo de 2014, que se realizarão em Fortaleza,

será ponto facultativo na sede do TRE e nos cartórios eleitorais da Capital. A medida também vale para os cartórios eleitorais do interior, que deverão funcionar de 8h às 12h.


5

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

SENADO

Pré-candidatos do Nordeste têm encontro com Lula em Recife

Representantes de cinco estados participam do encontro que será realizado na capital pernambucana. A ideia é alinhar o discurso que será utilizado na campanha de reeleição de Dilma

O

ex-presidente Lula estará em Recife, hoje, para se reunir com candidatos ao Senado da República de cinco estados nordestinos:

Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Sergipe e Pernambuco. A informação é do deputado federal petista José Nobre Guimarães, que é pré-candidato ao

cargo e já confirmou participação no encontro. Conforme Guimarães, o encontro tem o sentido de reforçar essas postulações e com o objetivo especial

de apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff. “Esse encontro eu considero muito importante, porque vai representar a unidade em torno do Nor-

deste, que precisa continuar crescendo com apoio do governo federal”, reforça. O parlamentar informou, ainda, que no dia seguinte os petistas seguirão, em caravana política, de Recife, passando em várias cidades nordestinas e encerrando em Quixeramobin, no Ceará. CALENDÁRIO Guimarães ressaltou que no próximo dia 21, participa de uma convenção nacional do partido, que possivelmente ocorrerá em Brasília, e no próximo dia 29, a convenção do PT Ceará será realizada em Fortaleza. “As coisas estão bem encaixadas, o partido está num grau de elaboração muito grande, e estabelecendo diretrizes para

o próximo candidato que vai liderar essa aliança em nosso estado”, enfatizou. O petista acrescentou que o PT está “muito bem” no Ceará e que “vai à luta” para, junto com o Pros, escolher um nome que tenha “competência e compromisso” para tocar em frente o crescimento do Estado. Guimarães informou também que, na última terça-feira (10), passou o dia com o governador Cid Gomes e outras lideranças discutindo a sucessão estadual. “As coisas no PT estão caminhando muito bem com um grau de unidade nunca visto antes, tudo em favor da reeleição da presidente Dilma Rousseff”, disse, salientando que, agora, é esperar a convenção para começar pensar na campanha. DIVULGAÇÃO

O deputado federal cearense, José Guimarães, é o nome indicado para disputar o Senado pelo PT do Ceará

APOIO

Deputado critica possível aliança do PV com Cid Gomes O deputado Roberto Mesquita (PV) discorda do apoio de seu partido à indicação do governador Cid Gomes (Pros) na disputa pelo governo do Ceará. Mesquita afirma que a possível aliança é um “avanço ditatorial”. Ele, porém, espera que a proposta não seja levada adiante, pois, assim, desrespeitaria a ideologia da legenda. O parlamentar avalia que, mesmo com a orientação da cúpula do PV, deve ficar fora do palanque, seguindo um caminho “diferente”. “É uma promiscuidade a existência de mais de 30 partidos que não respeitam ideologia, não respeitam história e nem mandatos, nada”, disse, acrescentando que o principal problema da política brasileira é a grande quantidade de partidos políticos. Roberto Mesquita é crítico da gestão Cid Gomes na Assembleia Legislativa e não esconde de ninguém que deseja apoiar o senador Eunício Oliveira (PMDB) na corrida pela chefia do Palácio da Abolição nas eleições deste ano. Ao jornal O Estado, o presidente estadual do partido, Marcelo Silva, não negou a possível tendência do PV em apoiar o nome indicado por Cid Gomes. Contudo, não existe nada definido, admitindo que a decisão passará por uma extensa discussão interna. Por outro lado, es-

clarece que a legenda não terá candidatura majoritária e focará nas vagas para a Assembleia Legislativa e para a Câmara dos Deputados. A convenção estadual ainda não tem data marcada, pois, segundo justificou, o PV ainda aguarda a definição do cenário local. NACIONAL Amanhã, segundo Marcelo Silva, o PV oficializará a candidatura de Eduardo Jorge à Presidência da República. Jorge, que é médico sanitarista, ex-deputado federal e ex-secretário do Verde e de Saúde da cidade de São Paulo, recebeu o convite em dezembro de 2013. Marcelo Silva explica que as propostas da sigla foram construídas a partir de três eixos – superação da miséria; crise climática e aquecimento global; e reforma política -, o que, segundo ele, atenderá os anseios da população brasileira. Nas eleições de 2010, o Partido Verde alcançou a maior votação de sua história no Brasil, com quase 20 milhões de votos - ou 20% do eleitorado, e sua candidata, Marina Silva, ficou em terceiro lugar na disputa que elegeu a presidente Dilma Rousseff. Agora, o PV espera, repetir - ou superar - os números de 2010 sem Marina, que deixou o partido em 2011 e migrou para o PSB.


Nacional

6

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

PRIMEIRO DIA

Manifestantes saem às ruas das capitais contra a Copa do Mundo

Em Belo Horizonte e Fortaleza, o protesto aconteceu de forma pacífica, enquanto Porto Alegre registrou atos de vandalismo, como ataques a agências bancárias e bancas de jornal.

C

entenas de manifestantes saíram às ruas de algumas capitais brasileiras para protestar contra a Copa do Mundo ontem, dia de abertura do Mundial. Em Belo Horizonte e Fortaleza, (Leia mais sobre as notícias em Fortaleza na página 12) o protesto aconteceu de forma pacífica, enquanto Porto Alegre registrou atos de vandalismo, como ataques a agências bancárias e bancas de jornal. Não houve confronto com a polícia até o meio da tarde. Na capital paulista, um protesto terminou em confronto entre policiais militares e manifestantes na zona leste. O grupo tentou fechar a Radial Leste, via de acesso ao estádio Itaquerão, onde ocorreu o jogo entre Brasil e Croácia, mas foi

ROBSON FERNANDJES/ESTADÃO CONTEÚDO

Polícia retalia ação de manifestantes durante confronto em São Paulo de ontem impedido pela polícia. Houve uso de bombas de efeito moral e balas de borra-

DEMAIS CAPITAIS RIO DE JANEIRO A manifestação que começou pacífica, na manhã de ontem (12), no centro do Rio, terminou com confronto entre PM’s e manifestantes após três deles terem sido detidos e colocados em uma viatura. O protesto reuniu cerca de mil pessoas, segundo a Polícia Militar, entre servidores da Educação, ativistas e membros de partidos de esquerda. Eles caminharam da Candelária até a Lapa, ambas no centro do Rio, sem qualquer incidente, com gritos de protesto contra a Copa e carregando cartazes e bandeiras. A PM acompanhava com um efetivo de agentes e homens do Batalhão de Choque à distância, além de um helicóptero. Ao se concentrarem nos Arcos da Lapa, no entanto, após parte da multidão se dispersar, um tumulto se iniciou após os policiais deterem três manifestantes. As demais pessoas que viram a cena protestaram e cercaram os PM’s, que reagiram com spray de pimenta. Os manifestantes, alguns deles mascarados, revidaram atirando vidros e pedras nos policiais. PORTO ALEGRE Na capital gaúcha, os manifestantes concentraram-se em frente à prefeitura ao meio-dia e seguiram em marcha pelo centro da cidade. O clima ficou tenso às 13h30, e alguns comerciantes decidiram baixar as portas. Pelo menos três agências bancárias tiveram a vidraça quebrada, e o letreiro de uma loja do McDonald’s foi depredado. Placas alusivas à Copa foram alvejadas por manifestantes mascarados. A porta de um prédio comercial da Oi foi apedrejada, e manifestantes rasgaram a lona de duas bancas de jornal que continham publicidade da Copa. Por volta das 14h30, os manifestantes chegaram ao Largo Zumbi dos Palmares, na região central. Parte dos apoiadores da marcha se dispersou. Outros decidiram caminhar em direção à Fan Fest, festa da Fifa promovida às margens do rio Guaíba. Segundo a polícia, havia ao menos 200 manifestantes na avenida Borges de Me-

cha, e ao menos seis pessoas ficaram feridas. Três estações do metrô também permanecem

deiros, uma das principais da capital gaúcha, no meio da tarde de ontem. Cerca de cem policiais faziam a segurança no local. Durante o ato, os manifestantes fizeram coro com críticas à Fifa. A locutora de um carro de som leu um texto em apoio a greves do serviço público no Estado e sobre remoções de imóveis para obras ligadas ao Mundial. O protesto contra a Copa recebeu críticas de moradores, comerciantes e pedestres do centro de Porto Alegre. Os manifestantes xingaram uma moradora que apareceu na sacada de um prédio com a camisa da seleção brasileira. Participaram do ato militantes de partidos como o PSTU e PSOL e de centrais sindicais e integrantes de organizações do movimento estudantil. BELO HORIZONTE Na capital mineira, cerca de 400 pessoas de diversos movimentos sociais se reuniram no começo da tarde de ontem na Praça 7, na região central, em protesto contra os gastos com o Mundial e para reivindicar direitos sociais básicos, com destaque para a moradia. O clima era de tranquilidade, segundo a Polícia Militar. “A nossa luta é pela moradia, contra a homofobia, pela cidadania. Queremos nossos direitos, queremos um lugar digno para morar”, afirma Juliana Alves, moradora da ocupação William Rosa. A reivindicação pelo transporte público também está na pauta do protesto, que tem a participação do movimento Tarifa Zero BH. Desde cedo, a região central da cidade é monitorada ostensivamente pela PM. Helicópteros da corporação sobrevoam a capital mineira, que recebe segurança também da Tropa de Choque. Muitos manifestantes foram revistados, assim como profissionais da imprensa. Um manifestante foi flagrado com um soco inglês e conduzido à delegacia por porte de arma branca. Por volta de 14h, o grupo cresceu e ocupava a avenida Afonso Pena, sentido Savassi. Os manifestantes posicionaram-se também no obelisco mais conhecido como Pirulito da Praça 7.

fechadas para o embarque por conta do protesto. Segundo o Metrô, as pessoas podem ape-

FORTALEZA Em Fortaleza, o protesto começou de manhã na avenida Beira Mar e foi até as proximidades da praia de Iracema, onde está montada a estrutura da Fan Fest. O movimento reuniu cerca de 200 trabalhadores, alguns com bandeiras de partidos e de movimentos sindicais. As principais palavras de ordem estavam relacionadas à organização da Copa do Mundo. “Dilma escuta, a Copa vai ter luta”, seguido por “se o aumento não dar (sic) a Copa vai parar”. Os operários da construção civil já estão com greve agendada para o dia 23 deste mês. Eles esperam um posicionamento das construtoras para reverter a paralisação. A principal reivindicação da categoria é aumento salarial de 15% (foi oferecido 7,5%). O salário-base dos operários na capital cearense é atualmente um mínimo (R$ 724). De acordo com o sindicato, o reajuste ofertado pelas construtoras não compensa as perdas de 6% com a inflação desde o último aumento, em março do ano passado (pelo INPC acumulado). “Lutamos ainda pela implantação de um plano de saúde para a categoria, pois é uma profissão que exige muito esforço físico e danos à saúde”, diz Laércio Santos, um dos líderes do sindicato dos operários de Fortaleza. NORTE E NORDESTE Protestos menores ocorreram ainda em capitais do Norte e Nordeste do país, como São Luís, Teresina, Belém e Maceió. Em Belém (PA), havia cerca de 200 manifestantes, e em Teresina, no Piauí, cerca de 50 pessoas. Sindicalistas e militantes políticos participaram do ato contra a Copa. Em São Luís, havia cerca de 200 pessoas de diversas categorias profissionais. Além da Copa, elas se manifestaram contra o reajuste de R$ 0,30 na tarifa de ônibus na capital do Maranhão. Em Maceió (AL), servidores federais participaram de carreata para pedir melhorias trabalhistas, com cerca de 50 veículos.

nas desembarcar nas estações Carrão, Belém e Tatuapé, por questão de segurança. No Rio, cerca de 100 manifestantes, dos quais sete com o rosto coberto, fecharam o trânsito, na rua Barata Ribeiro, próximo à estação de metrô Cardeal Arcoverde, em Copacabana, zona sul do Rio. Os manifestantes foram cercados por policiais militares, e um deles foi detido por desacato à autoridade. Do alto dos prédios, alguns moradores jogaram água e ovos e gritaram palavrões. SÃO PAULO O protesto em São Paulo começou por volta das 9h de ontem na Radial Leste, na zona leste de São Paulo. Um grupo de “black blocs” infiltrados, porém, forçou o confronto com a Tropa de Choque. Os conflitos ocorreram justamente porque a PM tinha a ordem de evitar que manifestantes interditassem a principal via que leva até o estádio Itaquerão. A polícia usou bombas de efeito moral e balas de borracha, o que provocou correria. Os manifestantes dispersaram por um momento, mas um novo confronto ocorreu por volta das 15h. Segundo a polícia, os manifestantes atiraram pedras contra uma tropa que estava protegendo o local. BLACK BLOCS A situação ficou tensa não apenas entre black blocs e PM durante protesto em frente ao sindicato dos metroviários, no Tatuapé, zona leste de São Paulo.

Cerca de 15 black blocs começaram a provocar metroviários que pediam o fim da manifestação iniciada com ato pacífico na manhã de ontem (12). “O ato acabou, vamos dispersar”, pede um sindicalista no carro de som. “Traidor, vocês chamaram o povo aqui e agora estão traindo o povo”, reclama ativista black bloc. “Vocês apanharam na Ana Rosa e estão com medo”, gritou outro black bloc, referindo-se ao confronto entre metroviários e PM, na segunda-feira (9), durante greve da categoria. Depois da discussão, boa parte dos black blocs continuou no sindicato, e outra marchou por ruas internas até o metrô Tatuapé, onde continuaram a manifestação. O efetivo policial se concentrou-se agora na esquina da rua Serra do Japi com a Radial Leste. A Cavalaria da PM, que agiu para conter os black blocss, já se retirou. PROTESTOS Um grupo de 100 black blocs aproveitou-se de uma manifestação promovida pelo sindicato dos metroviários, na manhã de ontem, na região do Tatuapé, na zona leste, e entrou em confronto com a Polícia Militar. A manifestação foi uma das quatro organizadas para ontem na cidade, onde ocorreu a abertura da Copa do Mundo. Pelo menos, seis pessoas ficaram feridas durante a ação policial que impediu o bloqueio da Radial Leste, principal acesso viário ao estádio do Itaquerão.


7

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira,13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

GERAL

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

7

XINGAMENTOS FORTES

Joseph Blatter e Dilma são hostilizados dentro do Itaquerão

Os xingamentos a Dilma foram fortes, mas localizados. Partiram perto da área VIP (uma das mais caras), onde o ex-governador José Serra estava. A hostilização não durou muito tempo

A

presidente Dilma Rousseff e o mandatário da Fifa, Joseph Blatter, foram hostilizados durante e após a cerimônia de abertura da Copa do Mundo, realizada ontem (12), no Itaquerão. Os torcedores gritaram “ei, Dilma, vai tomar no c...”, enquanto outros gritavam “ei, Fifa, vai tomar no c...”. Os xingamentos a Dilma foram fortes, mas localizados. Partiram perto da área VIP (uma das mais caras), onde o ex-governador José Serra está. A hostilização não durou muito tempo. No ano passado, a presidente Dilma Rousseff foi vaiada por milhares de torcedores, por três vezes, antes do Brasil vencer o Japão por 3 a 0, na abertura da Copa das Confederações. Na oportunidade, Blatter ficou constrangido e chegou, inclusive, a explicitar esse incômodo, quando, ao discursar, perguntou para a torcida: “Onde está o respeito, onde está o fair play?”. Foi novamente vaiado. Por conta disso, a abertura da Copa do Mundo não será aberta por discursos de Dilma e Blatter. Três crianças entrarão em campo e soltarão pássaros para o alto, simbolizando a paz e a declaração de abertura do Mundial. O uso dos pombos na cerimônia de abertura foi a opção encontrada pela Fifa e pelo COL (Comitê Organizador Local) após os dois presidentes optarem por um papel discreto na festa.

DIVULGAÇÃO

Presidente Dilma cruza os dedos e torce pelo Brasil na companhia de Michel Temer e Joseph Blatter, presidente da Fifa

VIOLAÇÃO DE DIREITOS HUMANOS

Brasil e Chile vão trocar informações sobre suas ditaduras A presidente Dilma Rousseff recebeu no Palácio do Planalto a presidente do Chile, Michelle Bachelet. Elas assinaram acordo para intercâmbio de informações sobre violações de direitos humanos na ditadura militar nos dois países. Segundo o Itamaraty, o memorando contribuirá para as investigações da Comissão Nacional da Verdade, que apura violações de direitos humanos durante a ditadura. Os detalhes do acordo com o Chile não foram divulgados. A colaboração pode aju-

dar no esclarecimento da chamada Operação Condor, a aliança entre as ditaduras do Cone Sul (Brasil, Chile, Argentina e Uruguai) para prender e matar opositores no exterior. Essa foi a primeira visita de Bachelet ao Brasil desde a sua posse, no início do ano. “Quero dizer que eu e a Bachelet estamos muito felizes com a assinatura, porque, como ela disse, nós somos testemunhas vivas desse processo’”, disse Dilma. Ambas as presidentes, que militaram em movimentos

de esquerda na juventude, foram presas e torturadas por agentes repressores das respectivas ditaduras militares do Brasil (1964-1985) e do Chile (1973-1990). Também foi assinado acordo entre a Confederação Nacional da Indústria e a Sociedade de Fomento Fabril para desenvolvimento de estratégias de infraestrutura e logística, com vistas ao crescimento do comércio bilateral. Não houve declaração formal à imprensa. Depois do encontro, ambas foram para São Paulo para a

abertura da Copa. Em cerca de 60 minutos de encontro, Dilma e Bachelet conversaram sobre o Mundial. A chilena disse que mil carros atravessaram a Cordilheira dos Andes em direção ao Brasil para o evento e afirmou que espera não ter de enfrentar a seleção brasileira caso o Chile passe da primeira fase. Dilma, por sua vez, comentou que o Chile pegou uma chave difícil no torneio --o país, que está no grupo B, tem como adversários Holanda, Espanha e Austrália.

ESPAÇO AÉREO

Dilma autoriza abate de aeronave hostil durante a Copa A presidente Dilma Rousseff autorizou o comando da Aeronáutica abater aeronaves hostis durante o período da Copa do Mundo no Brasil. A medida vale entre os dias 12 de junho e 17 de julho -quatro dias depois do fim do Mundial. O decreto foi publicado na edição desta quinta-

-feira do “Diário Oficial da União” e, segundo a ordem, uma portaria, que deverá ser publicada num prazo máximo de dois dias, estabelecerá os procedimentos que deverão ser adotados pela Defesa caso haja ameaça no espaço aéreo. A medida regulamenta a lei 7.656, de 1986, que estabe-

lece diretrizes de detenção, interdição e apreensão de aeronaves que, entre outras ações, entrar no espaço aéreo sem comunicar as autoridades brasileiras, não pousar em aeroporto internacional e passar por averiguação. O governo diz que são quase 13 mil militares e 77 aeronaves que atuam na se-

gurança do espaço aéreo do país durante o evento. Serão 170 mil agentes entre policiais, militares e segurança privada que participarão da vigilância do torneio. Desse total, 57 mil são integrantes das Forças Armadas. É o maior contingente de militares já designado para um evento no Brasil.

PRESSÃO Impedidos de fazer greve, policiais federais planejam manifestações Impedidos pela Justiça de fazer greve, policiais federais planejam manifestações durante a Copa do Mundo. Vão protestar porque o reajuste de 15,8% autorizado pelo Palácio do Planalto para agentes, escrivães e papiloscopistas não foi aprovado pelo Congresso nesta semana. Haverá hoje (13) uma videoconferência na qual os representantes da Fenapef (Federação Nacional dos Policiais Federais) vão discutir os próximos passos do movimento. A ideia é fazer na próxima semana assembleias regionais para discutir a melhor resposta. Não está descartada a possibilidade de levar réplicas de elefantes gigantes para as “fan fests”, festas promovidas pela Fifa durante o Mundial. A categoria está proibida pelo STJ (Superior Tribunal

de Justiça) de entrar em greve, e o STF (Supremo Tribunal Federal) sinalizou da mesma forma ao impedir que policiais civis parassem seus trabalhos. “Somos federais, não descumprimos decisão judicial. Mas nos preocupa a forma como o governo tratou o tema dentro do Congresso. Não vimos empenho pesado”, afirmou Luis Boudens, vice-presidente da Fenapef. No início deste mês, representantes dos policiais federais haviam firmado um acordo com o governo para acabar com ameaças de greve que poderiam prejudicar a segurança. Apesar de o Ministério do Planejamento ter enviado ao Congresso a proposta de reajuste, deputados e senadores governistas não se empenharam, na avaliação dos policiais, em aprovar a proposta.

OPERAÇÃO LAVA JATO

Preso pela PF, ex-diretor da Petrobras é transferido do Rio para Curitiba O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa foi transferido na manhã de ontem (12) do Rio para Curitiba (PR). Acompanhado de agentes da Polícia Federal do Rio, ele embarcou num voo no aeroporto Santos Dumont, no centro da capital fluminense. O juiz responsável pela Operação Lava Jato decretou nesta quarta-feira (11) a prisão do ex-diretor sob a justificativa de que ele controla US$ 23 milhões (R$ 51,3 milhões) em contas secretas na Suíça e que poderia fugir. Costa, investigado na Operação Lava Jato, já havia sido preso em março pela PF, sob acusação de tentar ocultar provas. Os valores atribuídos ao executivo, suas duas filhas e seus genros foram bloqueados pelas autoridades daquele país por causa da

suspeita de que se trata de dinheiro de corrupção, de acordo com comunicado do Ministério Público suíço enviado para procuradores brasileiros. O dinheiro está distribuído em 12 contas, abertas em cinco bancos em nome de empresas com sede em paraíso fiscal, segundo informações do Ministério Público suíço. Em entrevista à Folha de

S.Paulo, realizada em 30 de maio, Paulo Roberto Costa negou que tivesse contas no exterior. Os suíços bloquearam também US$ 5 milhões (R$ 11,2 milhões) de uma conta atribuída ao doleiro Alberto Youssef, mas que estava em nome de um “laranja” dele. O doleiro é acusado de comandar um esquema de lavagem de dinheiro que teria movimentado R$ 10 bilhões.

O advogado Nelio Machado, que defende Paulo Roberto Costa, disse que a prisão do ex-diretor da Petrobras “é absolutamente ilegal e totalmente desnecessária”, já que seu cliente vai responder a todas as demandas da Justiça e jamais cogitou fugir. Ele afirmou que vai recorrer contra a decisão do juiz Sergio Moro, mas ainda estuda o instrumento legal que usará.

PROGRAMA

RÁDIO ASSUNÇÃO AM 620

Todos os domingos de 10 ao 12 horas.

JORNALISTA

DIREÇÃO GERAL

RONALD

MACHADO


8

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Últimas

PROTESTO VIOLENTO

EDUARDO CAMPOS

Eu não esperava, diz repórter ferida em SP

Shasta Darlington, assim como a produtora Barbara Arvanitidis, ambas da rede CNN, foram atingidas por estilhaços de bombas

A

repórter da CNN Shasta Darlington, 44, afirmou, na tarde de ontem, que estava preparada para possíveis protestos contra a Copa do Mundo no Brasil. Mesmo assim, ela foi surpreendida por uma bomba lançada por policiais contra “black blocs” durante um ato na zona leste de São Paulo, e acabou ferida por um estilhaço. “Eu estava com capacete e máscara, mas tirei para fazer o ao vivo. Foi uma das primeiras bombas, por isso mesmo a gente não esperava”, afirmou Darlington, que estava com a produtora da emissora Barbara Arvanitidis. As duas foram feridas por estilhaços e encaminhadas ao Hospital da Vila Alpina. Elas deixaram o local ainda durante a tarde, após atendimento. Darlington é corresponde da CNN no Brasil há três anos e afirmou que não vê

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Jornalista da rede de TV norte-americana CNN ferida em manifestação em São Paulo é encaminhada a hospital muita diferença entre as manifestações ocorridas recentemente no País e protestos que ela já presenciou na Itália. Ela avaliou que a atuação da Polícia Militar paulista tem sido diferente em cada protesto. “Acho que eles [policiais] têm reagido de forma di-

ferente em protestos diferentes. Em algumas manifestações são bem mais organizados. Parece que aqui eles realmente não vão deixar ninguém ficar perto da Radial Leste. Dá a impressão que estão preparados para fazer o que têm que fazer”, afirmou.

SALDO As duas jornalistas da CNN não são as únicas profissionais da imprensa que ficaram feridas durante o protesto de ontem. O fotógrafo Rodrigo Abd, 37, da Associated Press, também foi ferido por estilhaços de bomba na coxa e na canela. Ainda no local, ele reclamou que não teve ajuda após ter sido ferido, mesmo tendo pedido a moradores da região. Um jornalista do SBT também ficou ferido por estilhaços. Ele foi atingido de raspão na região do olho. Ao todo, as secretarias Municipal e Estadual de Saúde informaram terem atendido 11 pessoas feridas nos confrontos. Todas tiveram ferimentos leves e já tinham sido liberadas no final da tarde. A reportagem presenciou ainda alguns casos de pessoas feridas que não procuraram atendimento médico.

ONG’s criticam falta de segurança de jornalistas e ação da PM em protestos A CPJ (Committee to Protect Journalists), ONG norte-americana que promove a liberdade de imprensa ao redor do mundo, divulgou, ontem, uma nota em que afirma estar preocupada com os jornalistas feridos ontem durante a cobertura das manifestações contra a Copa. A entidade cita os casos das jornalistas Shasta Darlington e Barbara Arvanitidis, da CNN, e de Douglas Barbieri, do SBT, que foram feridos por estilhaços de bombas de efeito moral lançadas pela PM para dispersar manifestantes.

presidente Dilma Rousseff prometeu agir para assegurar a proteção de repórteres cobrindo o torneio. Seu governo deve agora cumprir esses compromissos.”

Além dos três, o fotógrafo Rodrigo Abd, da Associated Press, também foi ferido por estilhaços de bomba na coxa e na canela. “Este é um começo preocu-

pante para a Copa do Mundo”, disse o vice-diretor da organização, Roberto Mahoney. “Depois de um ano de protestos e dúzias de jornalistas atacados e presos, a

CARTÃO AMARELO A Anistia Internacional criticou a ação da PM no protesto que começou em frente à estação Carrão do metrô, na zona Leste de SP. Em texto publicado em sua página no Facebook, a entidade disse que a polícia “fez uso de força desproporcional para reprimir uma manifestação pacífica”.

Governo desmontou conselhos e tem pouca aptidão ao diálogo Aliado da gestão do PT no governo federal por quase 11 anos, o pré-candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB) (foto), atacou, ontem, o decreto de Dilma Rousseff que determina a órgãos públicos considerar, na formação de suas políticas públicas, a opinião de conselhos com representantes da sociedade civil. O pré-candidato diz que seu grupo político ainda estuda o decreto com o objetivo de tomar uma posição mais concreta, mas afirmou que o pressuposto de diálogo com a sociedade na definição das políticas públicas contradiz o dia a dia do governo Dilma, que segundo ele teria “desmontado” os conselhos existentes hoje. “Não é estranho que a quatro meses da eleição saia um decreto tentando passar a ideia de que vai ter a participação da sociedade, num governo que é reconhecido por líderes de estudantes, líderes de trabalhadores, líderes de empresários, líderes de academia, como tendo pouca aptidão ao diálogo?”, afirmou Campos após encontro com a cúpula da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). “Esse decreto não tem nada a ver com que o governo pratica no dia a dia, é um governo fechado, que não tem aberto as portas para o diálogo com a sociedade”, acrescentou. Hoje existem no Brasil 40 conselhos e comitês em diversas áreas. “Falo por exemplo do Conselho Nacional de Política Energética. A questão da energia é central no Brasil. Veja quantas vezes o conselho se reuniu, veja se tem representação da sociedade até hoje.” Campos foi ministro da Ciência e Tecnologia na gestão de Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010). O decreto editado por Dilma traz regras para a tomada de opinião da sociedade por meio de instrumentos como conselhos e consultas públicas, e diz que os órgãos federais devem considerar as diretrizes estabelecidas na formulação de políticas públicas. A medida causou polêmica. A oposição diz que a intenção do governo é aparelhar partidariamente a ges-

tão pública. No Congresso, houve forte reação ao que alguns classificam como tentativa do Executivo de usurpar as funções de representatividade da população exercida por deputados e senadores. O governo rebate as críticas afirmando que o decreto não cria novos conselhos, apenas estimula sua adoção e estabelece diretrizes a serem seguidas, a critérios dos gestores de cada área. DEBATE No encontro com a CNBB, Campos discutiu questões relativas à reforma política, reforma agrária e educação, entre outros temas. De acordo com o presidente da CNBB, dom Raymundo Damasceno, a conferência estimulará os candidatos a diminuir os ataques mútuos em prol da qualificação do debate das grandes questões do País. Questão como aborto não foram abordadas, segundo os participantes. A vice de Campos, Marina Silva, que é evangélica (Assembleia de Deus) também estava presente. DIVERGÊNCIAS Na saída, Campos evitou comentar em detalhes as divergências de seu partido, o PSB, com o grupo político de Marina. Em São Paulo, o PSB deverá apoiar Geraldo Alckmin (PSDB), posição que é criticada por Marina. Campos afirmou que aguardará a decisão da convenção estadual do PSB, marcada para o dia 21. No Rio, afirmou apoiar a candidatura de Miro Teixeira (Pros), apesar de questionamentos internos no PSB.

TENTATIVA DE ROUBO Dois turistas mexicanos imobilizam ladrão que tentou assaltá-los perto de pousada em Natal Dois turistas mexicanos conseguiram render um homem de 32 anos que tentou assaltá-los dentro da pousada onde estavam hospedados, em Natal (RN). Um dos turistas postou em redes sociais uma foto dele com o suspeito já imobilizado. A tentativa de roubo ocorreu na manhã desta quarta-feira (11) no bairro de Ponta Negra, um dos principais pontos turísticos da cidade. Segundo a versão dos dois mexicanos relatada à polícia, por volta das 6h eles acordaram com um

barulho e viram Wilson Bernardino de Lima Júnior, 32, revirando seus pertences. Os turistas discutiram com o suspeito e começaram a lutar com ele até conseguir contê-lo. Lima Júnior sofreu escoriações no rosto e um corte no supercílio esquerdo. ALTERADO Pescador desempregado, ele disse à polícia que “estava alterado” e que não se lembra de nada, segundo o delegado Daniel Couto, da Deatur (Delegacia Es-

pecializada em Assistência ao Turista). A polícia suspeita que ele estava sob efeito de drogas. O pescador foi levado para o hospital e, depois de prestar depoimento, transferido para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Pirangi. ARENA DAS DUNAS Os dois turistas mexicanos não se feriram na ação. Eles estão instalados em Natal para a primeira partida do México contra Camarões, hoje, às 13h, na Arena das Dunas.


Economia

9

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

PAGAMENTOS

Fisco e PGFN definem nova adesão ao Refis

Reabertura do refinanciamento de dívidas já foi determinada, com previsão para o parcelamento ou pagamento à vista de tributos vencidos até 30 de novembro de 2008

S

urge mais uma oportunidade para aquelas empresas que desejam colocar as contas em dia com a Receita Federal do Brasil (RFB). Portaria conjunta da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) e da Receita, publicada no último dia 11 no Diário Oficial da União (DOU), disciplina os procedimentos que deverão ser adotados para as empresas que pretendem aderir à reabertura do parcelamento do Refis da Crise, Lei nº 11.941 de 2009. Essa reabertura do parcelamento de dívidas foi determinada pela Lei n° 12.973, publicada em 14 de maio de 2014, com previsão para adesão ao parcelamento ou pagamento à vista para tributos vencidos até 30 de novembro de 2008. No caso do parcelamento, o montante da dívida poderá ser pago em até 180 presta-

ções. Além disso, as multas e juros dos débitos poderão ser amortizados com utilização de créditos de prejuízo fiscal e de base de cálculo negativa da CSLL. A Receita esclarece que, em vista da reabertura do prazo, caso o contribuinte queira fazer a adesão ao pagamento à vista ou ao parcelamento, com ou sem utilização de prejuízo fiscal ou base de cálculo negativa da CSLL, o pedido deverá ser feito até o dia 31 de julho de 2014, exclusivamente nos sites da Receita (http://www.receita. fazenda.gov.br) ou da PGFN (http://www.pgfn.fazenda. gov.br) na Internet. RECOLHIMENTO Na opção pelo pagamento, o recolhimento deverá ser efetuado até o último dia útil do mês de julho. O cálculo do valor para pagamento à vista deve ser efetuado pelo contribuinte, aplicadas as reduções

instituídas na Lei. Caso a opção seja pelo parcelamento, o contribuinte deverá calcular e recolher mensalmente o valor correspondente à fração entre o valor total da dívida consolidada e a quantidade de prestações pretendidas, respeitados os valores das prestações mínimas. Quanto à primeira prestação, deve-se observar que seu recolhimento deverá ser efetuado, também, até o último dia útil do mês de julho. Os contribuintes que fizeram a opção pelo parcelamento ou pagamento à vista quando da primeira reabertura, instituída pela Lei n° 12.865, publicada em 10 de outubro de 2013, não precisam fazer novas adesões para as modalidades às quais já tenha solicitado o referido benefício. Apesar disso, poderão fazer opções para aquelas modalidades que ainda não tenham aderido.

BANCO DE DADOS

Empresas dos mais variados setores poderão quitar dívidas com o Fisco

REEMBOLSO

Amil deve pagar R$ 34 mil por negar cirurgia a paciente A 1o Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) determinou que a Assistência Médica Internacional S/A (Amil) pague R$ 34.452,91 para um piloto de avião que teve pedido de cirurgia negado. A decisão teve a relatoria do desembargador Fernando Luiz Ximenes Rocha (foto). De acordo com os autos, em agosto de 2010, o paciente foi diagnosticado com câncer de próstata. Os médicos indicaram a realização do procedimento prostatectomia radical laparoscópica robótica assistida, a ser feito no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Segundo o relatório médico, a operação deveria proporcionar melhores condições de visualização do tumor, facilitando a remoção, além de promover um pós-operatório com

DIVULGAÇÃO

recuperação mais rápida. Ao receber a solicitação, a operadora negou o pedido, alegando que a referida cirurgia não estava prevista no contrato do cliente. Contudo, se disponibilizou a ressarcir os custos do procedimento. Na ocasião, o piloto acabou pagando R$ 34.441,66 com as despesas cirúrgicas, mas o

valor reembolsado foi de R$ 9.988,75. Sentindo-se prejudicado, ele ingressou com ação requerendo o ressarcimento integral dos custos e indenização por danos morais. Na contestação, a Amil pediu a improcedência da ação. Defendeu ausência de cobertura para o tratamento solicitado, por isso a recusa seria legítima. Argumentou, ainda, que o valor de reembolso foi baseado na tabela de custos da empresa. RESPONSABILIDADE Em janeiro de 2012, a juíza Adayde Monteiro Pimentel, da 24a Vara Cível do Fórum Clóvis Beviláqua, condenou a empresa a restituir o valor

de R$ 24.452,91 ao autor da ação, além de pagar R$ 10 mil, a título de danos morais. “Vislumbro a devida imputação de responsabilidade civil à parte demandada (Amil), uma vez que estão evidenciados todos os pressupostos legais pertinentes (ato ilícito, danos materiais e morais e nexo de causalidade), razão pela qual os pedidos iniciais devem ser julgados procedentes”, ressaltou a magistrada. Requerendo a modificação da decisão, a empresa ingressou com apelação (nº 0460517-75.2011.8.06.0001) no TJCE, mantendo os mesmos argumentos apresentados anteriormente. Ao julgar o caso, esta semana, a 1a Câmara Cível considerou improcedente o recurso e manteve inalterada a sentença de 1o Grau. Para o relator, “a jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça é firme em reconhecer que o plano de saúde pode estabelecer as doenças que terão cobertura, mas não o tipo de tratamento a ser utilizado, sendo abusivas as disposições limitativas de utilização de procedimentos necessários para o restabelecimento da saúde dos segurados”.

VITÓRIA Secex identifica ação ilegal em importações da Malásia A Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic) encerrou, ontem, a investigação que apurou triangulação das importações de calçados de uma empresa malaia. O Procedimento Especial de Verificação de Origem Não Preferencial, iniciado em janeiro deste ano, concluiu pela desqualificação da origem Malásia para o produto “outros calçados com sola exterior e parte superior de borracha ou plástico”, informado como produzido pela empresa MZH Maju Industry. Esta ação visa à preservação da capacidade competitiva das empresas de calçados nacionais, que vinham perdendo mercado por conta destas operações irregulares da MZH. Segundo o presidente-executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), Heitor Klein, o processo representa uma vitória para o setor (foto) que vê sua capacidade produtiva abalada pela concorrência desleal de produtos que entram no Brasil através de processos de elisão fiscal. “O Governo demonstra estar atento aos mecanismos ilegais utilizados pelos importadores para fugir do direito antidumping contra o calça-

do chinês. Através deste ato os importadores não mais poderão declarar terem importado produtos desta empresa, que aparentemente é fictícia”, explica Klein, ressaltando que, no entanto, existe um longo caminho a ser trilhado para a efetiva defesa comercial da indústria nacional. BANCO DE DADOS


10 OPINIÃO

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

PETROBRAS Empresa da Holanda não vai participar de novas licitações A SBM Offshore, fornecedora da Petrobras, confirmou que não participará das licitações realizadas pela estatal brasileira para contratos de aluguel de navios plataformas para as áreas de Tartaruga Verde, na Bacia de Campos, e Libra, no pré-sal da Bacia de Santos. Os contratos da SBM, de origem holandesa, com a Petrobras são alvo de investigação da Controladoria Geral da União (CGU), do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Polícia Federal (PF) desde que se tornou pública, em fevereiro, a denúncia de que a fornecedora teria pago US$ 139 milhões em propinas para fechar contratos com a Petrobras entre 2007 e 2011, feita por um ex-funcionário. Há duas semanas, a SBM foi surpreendida com a declaração da presidente da petroleira, Graça Foster, em depoimento à CPI da Petrobras, de que a companhia brasileira havia decidido afastá-la das licitações para plataformas, até o fim das investigações da CGU e do TCU. Na ocasião, a SBM havia informado, na Holanda, que pediria esclarecimentos à Petrobras sobre o anúncio de Graça. A companhia brasileira é sua principal cliente no mundo. Em setembro, a

TIAGO STILLE

SBM entregará à Petrobras o navio plataforma Cidade de Ilhabela, em construção desde 2012 no estaleiro Brasa, em Niterói. Outras duas plataformas serão entregues entre 2016 e 2016, conforme contrato fechado em 2013. “IMPRÓPRIAS” A denúncia do ex-funcionário, que se tornou pública em fevereiro, surgiu no contexto das investigações internas realizadas pela SBM em 2012 que detectaram “práticas comerciais impróprias” em dois países na África e em um país fora da África, não identificado pela empresa. Ao ter seu nome envolvido na denúncia, a Petrobras também abriu uma auditoria interna para investigar o caso, que, ao chegar ao fim dos trabalhos, em abril, informou não ter descoberto qualquer irregularidade. Também em abril, a SBM Offshore confirmou ter pago US$ 139 milhões a seu ex-agente brasileiro, com quem rompeu o contrato em 2012, mas alega que os pagamentos foram resultado de trabalho efetivamente realizado, negando o pagamento de propina à Petrobras. As investigações da CGU, da PF e do TCU ainda estão em andamento. DIVULGAÇÃO

Comercialização de produtos plásticos, especialmente voltados para a Copa, teve resultado positivo no mês de abril

COMÉRCIO VAREJISTA

Vendas, no mês de abril, caem 0,4%

Alta acumulada, no ano, é de 5% e, em 12 meses terminados em abril, expansão é de 6,7%. O Ceará aparece com o quarto melhor resultado

A

Navios-plataforma deixarão de ser entregues à estatal

PESQUISA IBE Produtos e serviços para casais sobem acima da média O preço dos principais produtos e serviços procurados pelos consumidores no Dia dos Namorados, comemorado ontem, subiu acima da inflação média nos 12 meses contados entre junho de 2013 e maio de 2014, mostra levantamento do Instituto Brasileiro de Economia (IBE), da Fundação Getúlio Vargas. No período, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) teve alta de 6,57%, enquanto a média desses preços subiu 7,13%. Entre as principais altas verificadas pelo levantamento estão programas culturais muito procurados por casais, como shows musicais (15,63%), teatro (11,89%) e cinema (8,95%). O preço dos hotéis e motéis também subiu acima da média, com alta de 10,11%, enquanto as refeições em bares e restaurantes ficaram um pouco atrás, com 9,22% de elevação. BIJUTERIAS CARAS Quem apostou em acessórios encontrou altas maiores do que os que buscaram roupas. A inflação das bijuterias subiu 10,26%, a de cintos e bolsas, 7,11%, e a de perfumes, 7,44%. As exceções foram os calçados masculinos e femininos, que avançaram menos do que a média, com 2,44% e 1,36%, e os relógios, que subiram 1,27%. Nas roupas, a alta também não superou a inflação do período,

com 5% para as masculinas e 5,11% para as femininas. Outras opções com preços menos inflacionados foram livros (1,31%), bicicleta (0,79%) e artigos esportivos (0,98%). Quem optou por alguns produtos eletrônicos encontrou preços deflacionados, com queda de 5,15% para videogames, de 2,71% para celulares e 1,5% para aparelhos de TV. Computadores e periféricos ficaram 4,83% mais caros, câmeras fotográficas e filmadoras, 3,11%, e aparelhos de som, 0,01%. DIVULGAÇÃO

s vendas no varejo desaceleraram, novamente, em abril, de acordo com a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) divulgada, ontem, pelo IBGE. O comércio, no período, vendeu 0,4% a menos que em março, que também apresentou recuo (0,5%), e cujo mês apresentou vendas impactadas pela inflação mais alta. No plano estadual, destacaram-se as variações de 6,1% (Roraima) e 3% (Amapá). O Ceará, por sua vez, aparece com 0,1%, acumulando 10% de expansão, em 12 meses. A segunda queda consecutiva no indicador é algo que não acontecia desde novembro de 2008, quando a economia sofreu de forma mais acentuada o impacto da crise financeira global. Além disso, o resultado de abril é o pior para o mês desde 2001 e se iguala ao do quarto mês de 2003. O cenário ruim fez com que as famílias pisassem no freio e consumissem menos. Jogam a favor dessa tendência de baixa os juros mais altos do cartão de crédito e do crediário, a inadimplência mais elevada e a restrita oferta de crédito aos consumidores pessoa física. Em relação a abril de 2013, o varejo viu suas vendas, em volume, reagirem depois do tombo de março e subiram 6,7%. Com esses resultados, o comércio acumula expansão de 5% de janeiro a abril deste ano, num ritmo similar ao de períodos anteriores. Já na taxa em 12 meses encerrada em abril, as vendas avan-

çaram 4,9%, acima dos 12 meses encerrados em março, de 4,5%. Entre janeiro e abril, a alta acumulada chegou a 5%.

quota de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) mais baixa. Com o resultado de abril, o setor recuou 5,3% no acumulado do ano, e, em 12 meses, 2,7%. DESTAQUES Na comparação com abril Segundo o IBGE, sete das do ano passado, os destaques dez atividades pesquisadas foram cinco das oito atividano varejo ampliado tiveram des do varejo registram revariações negativas em vo- sultados positivos no volume lume de vendas, na compa- de vendas. Pela importância ração mensal, com destaque no resultado global, segunpara 0,5% em material de do a composição da taxa, as construção; 0,8% em com- duas principais foram hiperbustíveis e lubrificantes; 1% mercados, supermercados, para tecidos, vestuário e cal- produtos alimentícios, beçados; 1,4% bidas e fumo em hiper(10,1%); e mercados, outros artigos supermercade uso pessodos, produtos al e doméstialimentícios, co (16%). Só bebidas e a primeira fumo; 2,6% atividade resFoi o nível de expan- pondeu por para equipamentos e são acumulado pelo 73,7% da taxa material para Ceará nos últimos 12 global do vameses, diz pesquisa rejo, nessa escritório, informática base de come comunicaparação. ção; e 2,7% O segmento em livros, jornais, revistas e Artigos farmacêuticos, médipapelaria. cos, ortopédicos e de perfuPor outro lado, outras três maria respondeu pelo terceiatividades registraram alta, ro maior impacto positivo na entre elas veículos e motos, formação da taxa do varejo. partes e peças (5,4%); e ou- Em termos acumulados, astros artigos de uso pessoal e sinala aumentos de 10,7% e doméstico (0,3%). Já a ati- de 10,6%, respectivamente, vidade de artigos farmacêu- no quadrimestre e nos últicos, médicos, ortopédicos, timos 12 meses. De acordo de perfumaria e cosméticos com o IBGE, isso se deve ao registrou estabilidade nas comportamento positivo da vendas. Apesar do cresci- massa de rendimentos, ao mento, as vendas de veículos caráter de uso essencial de em abril ficaram 9,8% abaixo seus produtos, bem como de igual mês do ano passado, ao comportamento dos prequando vigorava uma alí- ços dos produtos farmacêu-

10%

ticos, que vêm se situando abaixo da média: 3,9% em 12 meses até abril de 2014, contra 6,3% do índice geral, segundo o IPCA. O IBGE informou, ainda, que a receita nominal do varejo registrou avanço de 0,6% em abril sobre março, e alta de 13,5% na comparação com igual mês do ano anterior. VAREJO AMPLIADO O volume de vendas no varejo ampliado, que inclui veículos e material de construção, registrou elevação de 0,6% em abril, na comparação com abril de 2013, após ter caído 1,2% em março. Tal comportamento de alta também foi observado na receita nominal, ao atingir 1,1% (contra a redução de 0,1% de março). Regionalmente, o acréscimo real das vendas se deu em todas as 25 das 27 unidades da federação, na comparação com igual mês de 2013. Os destaques foram: Amapá (13,7%), Alagoas (11,1%), Rondônia (11,0%), Pernambuco (10%) e Ceará (10%), segundo o IBGE. Em relação ao varejo ampliado, 20 estados registraram variações positivas em relação a abril do ano passado, com destaque para Alagoas (8,4%), Ceará (5,6%), Santa Catarina (5,2%), Rondônia (4,7%) e Rio de Janeiro (4,0%). Em termos de impacto positivo no resultado global do setor, sobressaíram os estados do Rio de Janeiro (4,0%), Santa Catarina (5,2%), Rio Grande do Sul (3,1%), Ceará (5,6%) e Pernambuco (3,5%), informou o levantamento.

PARA A CNC, PERDA DE RITMO JÁ ERA ESPERADA

Namorados tiveram que pagar mais caro para as comemorações deste ano

De acordo com o economista Fábio Bentes, da Confederação Nacional do Comércio (CNC), a perda de ritmo já era esperada pelos analistas que realizam o acompanhamento destas informações relativas ao comércio. Estudo da entidade apontava que apenas o ramo de outros artigos de uso pessoal e doméstico (que concentra produtos de plástico, metal e utensílios diversos) seria impulsionado pela

Copa do Mundo Fifa. As vendas deste segmento avançaram 0,3% de março para abril – o único com desempenho positivo no conjunto do varejo, que apontou queda geral de 0,4% no País. Segundo ele, a decretação de feriados em diversas cidades durante os jogos poderá agravar o resultado do setor, já que a hora trabalhada deve ser pagar em dobro. Desse modo, além do impacto sobre as vendas

decorrentes da menor movimentação durante os jogos, “os varejistas teriam como opção fechar os estabelecimentos ou abri-los sujeitos a custos maiores e vendas mais fracas”. Sem a ajuda da Copa, com a piora do mercado de trabalho e a consumidores cada vez menos confiantes, a LCA prevê um crescimento de 3,5% das vendas em volume do comércio em 2014, abaixo dos 4,3% de 2013.


11

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

GERAL

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

FESTAS JUNINAS Mercado de amendoim tem elevação no NE

DIVULGAÇÃO

Evento que, este ano, acontece simultaneamente à Copa, prevê bons resultados para fabricantes do setor, bem como comerciantes regionais

C

hegando ao mês das Festas Juninas, período que anima as indústrias de amendoim de todo o País, principalmente da região Nordeste. Afinal, aqui se concentram os festejos mais tradicionais e que atraem milhares de turistas a cada ano. De acordo com informações da Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab) os resultados das vendas nessa época representaram 28% do total do ano passado. Para 2014, os fabricantes esperam um crescimento de 30%, em média, em relação ao mesmo período de 2013. Esta expectativa explica-se porque o Nordeste, além de ser tradicionalmente um destaque nacional, conhecido até internacionalmente na realização de festejos juninos, abrigam duas festas onde comparecem milhares de pessoas, anualmente, um em Campina Grande (Paraíba) e outro em Caruaru (Pernambuco), que brigam por serem reconhecidos como o maior arraial do mundo. “Esse trimestre será espetacular para o setor. Dois grandes eventos acontecerão ao mesmo tempo, o que certamente elevará as vendas do amendoim, um produto genuinamente brasileiro e que, segundo pesquisa do Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) encomendada pela Abicab, é altamente consumido em ocasiões de alegria e confraternização”, comenta André Guedes, vice-presidente de Amendoim da entidade.

Exportações de couro acabado têm elevação no mês de maio O Brasil exportou, no mês de maio, um total de US$ 258,8 milhões em couros e peles, de acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Trata-se de crescimento de 12,9% em relação ao mesmo mês do ano passado. O acumulado do ano registra um total de US$ 1,219 bilhão em exportação de couros e peles, ou seja, 22,8% a mais do que em 2013 no mesmo período. O setor de inteligência comercial do Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) fez uma avaliação sobre os dados divulgados pelo MDIC, constatando um prognóstico positivo para o couro do Brasil, em especial em sua forma acabada, com maior valor agregado. “Foi o maior valor já exportado de couro acabado (US$ 142 milhões), com aumento de 14,6% sobre maio de 2013”, informa o presidente executivo do CICB, José Fernando Bello.

COMEMORAÇÃO E para atender à alta demanda do consumo durante as comemorações em homenagem aos três santos católicos - São João, São Pedro e Santo Antônio –, que apesar de alegrarem a população dos quatro cantos do País, ganham expressividade na região Nordeste, as empresas do setor lançam edições especiais para esta época. A Santa Helena espera aumentar em 35% as vendas dos aperitivos. Para isso, investiu cerca de R$ 500 mil para o

30%

é a expectativa de crescimento nas vendas, este ano, frente a 2013 período junino. Entre as novidades estão os novos sabores da linha Amindu’s (pimenta com limão e mostarda e mel); a Nutclass, linha sofisticada, criada para os consumidores mais exigentes, que compreende castanha de caju, castanha do Brasil, amêndoa e mix de nuts (incluindo todos os anteriores misturados com amendoim). Paçoquita cremosa e paçoquita zero com aveia também estão entre as inovações. Além disso, a Santa Helena lança a versão integral da pasta de amendoim First, voltada para quem pratica esporte; e as versões zero açúcar de pé de

moleque, doce de amendoim, e cocada com amendoim. Outros fabricantes também esperam bons resultados e anunciaram muitas novidades para oferecer aos seus representantes, espalhados por toda a região Nordeste. A carioca Agtal pretende que suas vendas aumentem em 30% no período. O lançamento da vez é a embalagem de 140g do produto mixed nuts, um mix de frutas secas e castanhas, rico em gorduras boas, vitaminas e minerais, que contribuem para a prevenção de doenças cardíacas. Inovações e reformulação de receitas antigas são as apostas da DaColônia, que traz amendoins levemente salgados; com açúcar mascavo; pé de moleque zero açúcar; e amendoim japonês. Já a Dori Alimentos aumentou sua capacidade fabril de produtos à base da oleaginosa e se prepara para um aumento de 25% a 30% nas vendas nesta época do ano. As apostas da empresa são os três novos sabores da linha Pettiz (150g e 500g): calabresa, pizza e churrasco, além do lançamento da embalagem de 1,01 kg, também da Linha Pettiz. Este novo formato contempla os sabores pimenta vermelha, cebola e salsa, japonês, natural e torrado e salgado, ideal para aqueles grupos de torcedores que querem assistir aos jogos com um saboroso e nutritivo tira-gosto à disposição. A escolha da Yoki para o período são os amendoins descascados, que chegam com sabores inéditos e inspirados em diferentes países.

Equipamentos automatizados aceleram a produção da tradicional paçoca e de amendoim

ENTIDADE VALORIZA A INDÚSTRIA A Abicab foi fundada em 1957 com o objetivo de responder pela política do setor junto às esferas pública e privada, tanto no Brasil quanto no exterior. Suas diretrizes são voltadas para a valorização destas indústrias, que são responsáveis pela geração de 31 mil empregos diretos e 62 mil indiretos. Atualmente, a entidade engloba a cadeia produtiva nacional, representando 92% do mer-

cado de chocolates, 70% do mercado de balas e confeitos, 62% do mercado de amendoim e 100% do mercado de cacau. Dentre as principais atividades desenvolvidas em prol do fortalecimento e desenvolvimento do setor, destaca-se o Programa Pró-Amendoim, que objetiva proporcionar mais segurança ao consumidor e garantir a qualidade dos produtos à à base de amendoim.

Funcap investe R$ 12 mi em bolsas de estudo DIVULGAÇÃO

Pesquisas em tecnologia e inovação serão apoiadas através do novo programa da Funcap

Na última quarta-feira (11), o Conselho Gestor do Fundo de Inovação Tecnológica (Cogefit) aprovou o projeto para a criação do Programa Estratégico de Quotas Institucionais de Bolsas de Mestrado e Doutorado, da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), utilizando recursos do Fundo de Inovação Tecnológica (FIT). Um total de R$ 12 milhões será investido durante 26 meses, garantindo mais 150 cotas de bolsas de mestrado e 125 de doutorado aos programas de pós-graduação cearenses. Segundo a Funcap, o projeto contempla um novo programa, que deverá ser operado pelas Instituições de Ensino Superior, públicas ou privadas sem fins lucrativos, que apresentem programas de mestrado acadêmico e doutorado. O objetivo é fortalecer áreas estratégicas da pós-graduação stricto sensu, ou seja, programas de Mestrado Acadêmico e Doutorado, no Ceará, na sua quantidade, diversidade e qualidade. Com

o investimento, a Funcap espera fomentar a formação de recursos humanos altamente qualificados para a pesquisa científica, tecnológica e inovação, de modo a contribuir para o desenvolvimento social e econômico do Ceará. SAIBA MAIS O FIT objetiva a promoção e o desenvolvimento da inovação tecnológica, no Ceará, por meio de programas e ações com a finalidade de estimular a pesquisa e o desenvolvimento de produtos e processos inovadores nas empresas cearenses. Além disso, visa dar suporte e apoio financeiro a projetos de pesquisa e desenvolvimento de produtos e processos inovadores nas empresas e nas instituições científicas e tecnológicas. Da aplicação total dos recursos do Fundo de Inovação Tecnológica, serão assegurados, no mínimo, 30% para os programas de capacitação de recursos humanos, intercâmbio científico e tecnológico e a implementação, manutenção e recuperação de infraestrutura de pesquisa de CT&I.


12

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Geral Nacional CARLOS CHAGAS

carloschagas37@uol.com.br

O MELHOR PARA O PT Vem sendo constante, de dois meses para cá, a queda da presidente Dilma nas pesquisas a respeito da sucessão presidencial. De uma tranquila vitória no primeiro turno, deixando os adversários lá em baixo, ela vê diminuírem seus percentuais a ponto não apenas de precisar enfrentar uma segunda votação, mas, continuando as coisas como vão, de disputar a eleição com Aécio Neves. O que parecia inadmissível configura-se como hipótese viável, vale repetir, se a tendência não for revertida. Para os detentores do poder, do PT a aliados que resistem em abandonar o barco, seria um desastre. Por isso, volta a crescer a proposta de substituição de Dilma pelo Lula, mas mesmo os defensores dessa troca inusitada começam a raciocinar: e se o ex-presidente feito candidato também sofresse o impacto da reviravolta e se encontrasse diante da perspetiva de derrota? Não seria melhor poupá-lo e aguardar 2018? Afinal, para um partido que nasceu e cresceu na oposição, mesmo traumática a perda do poder não seria mortal. Poderia, até, estimular a renovação de seus quadros, afastando companheiros que, quando tornados governo, perderam a garra de tempos anteriores, trocando a proposta de mudar o Brasil pelas benesses e facilidades do usufruto do governo. Dizia o saudoso Dr. Ulysses que pior do que o atual Congresso, só o próximo. Mesmo assim, no PT, começa a germinar o raciocínio de que, junto com os esforços para manter a presidência da República, em outubro, é preciso jogar todas as fichas na preservação e até no crescimento de suas bancadas no Congresso. Para isso, no entanto, torna-se necessário o partido reciclar-se. Se não refundar-se, ao menos recuperar o tempo perdido desde a posse do Lula e avançar propostas hoje esmaecidas e até abandonadas. Em vez de continuarem acoplados ao neoliberalismo herdado de Fernando Henrique e seus tucanos, por que não voltar ao período de luta por conquistas sociais caracterizadas por mudanças fundamentais nas instituições vigentes? Que tal pregar a revisão nas privatizações endossadas por Lula e Dilma, fazendo retornar ao patrimônio público a Vale do Rio Doce, a Companhia Siderúrgica Nacional, o sistema ferroviário, as rodovias e os portos entregues à iniciativa privada? Ou limitar a hoje escancarada política de remessa de lucros das multinacionais para suas matrizes, obrigando a reinvestirem no Brasil o que ganharam aqui? No mínimo duplicar o salário mínimo e restabelecer o salário família em níveis compatíveis com as necessidades dos menos favorecidos? E quanto a libertar a indústria nacional das tenazes internacionais que nos fizeram retornar aos tempos da exclusiva exportação de matéria-prima e da importação de manufaturados? Participação dos empregados no lucro das empresas, cogestão, volta à estabilidade no emprego, proibição de demissões imotivadas. Existem outras necessidades ditadas pelo avanço da tecnologia e da ciência: produção estatal de medicamentos populares a preços módicos, transportes públicos gratuitos, punição aos abusos dos planos de saúde, transformação de estádios de futebol em universidades durante a semana, obrigação de as montadoras produzirem caminhões, ônibus e tratores na proporção em que produzem veículos de passeio, incentivo às pesquisas e quanta coisa a mais, que as elites logo rotularão de anacrônicas e ultrapassadas, mas tão necessárias quanto a roda, depois de tantos milênios de sua invenção?

DURANTE O JOGO

Manifestantes protestam na Avenida Beira mar Protesto seguiu de forma pacífica. No final da tarde, porém, alguns manifestantes atearam fogo em lixeiras de plástico. A polícia teve que conter o vandalismo JESSICA FORTES

N

a tarde de ontem, cerca de 300 manifestantes reuniram-se na Praia de Iracema para protestar contra a Copa do Mundo. Pedindo mais saúde, educação, moradia e segurança eles percorreram a Avenida Beira Mar, de forma pacífica, entoando palavras de ordem. Os grupos concentraram-se em frente ao Clube Náutico e esperaram o início da caminhada. Eles exibiam cartazes e faixas com críticas ao Mundial no Brasil. De acordo com o integrante do movimento Rua- Juventude Capitalista, Maykol Camurça, entre os problemas reclamados, estão os altos investimentos, além das remoções de populações por causa das obras feitas para o Mundial. Os manifestantes cobram moradia e também a ampliação dos gastos públicos em políticas sociais. “Nós questionamos o legado da Copa”, comenta. Cerca de duas mil pessoas confirmaram presença no evento que foi articulado através das redes sociais, mas menos da metade das pessoas confirmadas compareceram à manifestação. Segundo Maykol, gerou-se um movimento de medo na população e muitas pessoas desistiram de ir. “Nós queremos mostrar as contradições da Copa e a nossa manifestação é pacífica. Não temos a intenção de causar transtornos, só queremos que a população acorde e exija seus direitos. Precisamos de investimentos em saúde, educação, moradia, não em Copa”, acrescenta.

CONFRONTO A caminhada seguiu pacificamente até a entrada da Fifa Fan Fest, no Aterro da Praia de Iracema, onde torcedores acompanhavam a abertura oficial da Copa, com o jogo de Brasil e Croácia. Manifestantes mascarados tomaram a frente da caminhada e começaram a

DOAÇÃO Banco de leite funciona normalmente GREVE durante a Copa do Mundo Durante a Copa do Mundo, o funcionamento do Banco de Leite Humano do Hospital Geral Dr. César Cals será normal. Equipes de profissionais especializados estarão prontos para realizar o atendimento. Para isto, as doadoras podem ligar para o 0800 286 5678, mandar e-mail parabancodeleite@hgcc. ce.gov.br ou vir até o banco, localizado na Avenida do Imperador, 545, Centro, para serem atendidas. O Hospital César Cals oferece estrutura completa para atender as mães internadas na unidade como também as mães externas. SUPORTE Dar suporte, tirar dúvidas, orientar e aconselhar são ações desenvolvidas pelo Banco de Leite do Hospital César Cals tanto

para as mães internas e externas. Além disso, ainda realiza serviços de coleta do leite na casa da doadora, pasteurização, armazenamento, distribuição e formação de novas equipes de aleitamento materno e encontros de orientações. Também durante os feriados, as mães podem ligar para agendar a ida do carro para buscar o leite em casa. O banco de leite recebe, ainda, a doação de vidros vazios de maionese ou café solúvel com tampa plástica que serão utilizados para acondicionar o leite doado. Eles são esterilizados e enviados às mães doadoras. Com a doação de leite, o estoque do HGCC fica seguro e alimenta os bebês internados, especialmente os prematuros extremos, que precisam ainda mais de leite humano.

NAYANA MELO

jessicafortes@oestadoce.com.br

Manifestantes mascarados entram em confronto com a polícia atear fogo em lixeiras. Policiais militares montaram uma barreira para evitar a passagem e foram agredidos com pedras e garrafas pelos manifestantes, mas não houve reação. Os PM’s pediram reforços e, em seguida, policiais do Batalhão de Choque chegaram atirando balas de efeito moral para dispersar a multidão. O grupo recuou para a Rua Carlos Vasconcelos. Vários torcedores e ambulantes que estavam trabalhando e assistindo ao jogo aplaudiram a ação dos policiais. Durante a ação, algumas pessoas foram revistadas pela polícia. Segundo o major Alexandre, que comandava os policiais do Choque, três pessoas foram presas e encaminhadas para o 34 0 Distrito Policial, no bairro Farias Brito. Ambulantes que trabalhavam na Avenida Beira Mar ficaram em pânico, no meio do confronto entre

manifestantes e policiais. A vendedora Antônia Lucivania ficou muito assustada e não sabia o que fazer. “Estou com medo, nunca vi uma coisa dessas, estão jogando pedras na polícia, não sei o que fazer, vou perder minha mercadoria, não posso correr e deixar tudo aqui”, dizia assustada. Por volta das 18h30, a polícia conseguiu controlar a situação e dispersar os manifestantes. Segundo o coronel Soares, do Comando de Policiamento Especializado, responsável pela operação Copa do Mundo, em Fortaleza, 650 homens da Polícia Militar fizeram a segurança do local, durante todo o dia. Ele lamentou a ação dos manifestantes e afirmou que são jovens que já saem de casa com o intuito de fazer baderna. “É lamentável que tudo acabe assim. Alguns jovens já vêm com o intuito de fazer baderna, vem mascara-

dos, com mochilas. Abordamos alguns e outros foram presos. Estou com três promotores de justiça comigo acompanhando as filmagens e toda a movimentação dos manifestantes”, complementa. PRÓXIMA MANIFESTAÇÃO De acordo com o integrante do Comitê Popular da Copa, outros protestos devem ocorrer ao longo da Copa. “O Comitê Popular da Copa tem reunido diversos sindicatos, organizações, movimentos estudantis. E nós decidimos que vamos fazer atos nos dias de jogos em Fortaleza. No domingo, vamos nos reunir no DCE da UFC, para organizar como será o nosso ato”, informou. Fortaleza vai receber o jogo entre Uruguai e Costa Rica neste sábado (14). Ainda de acordo com o integrante do movimento, neste dia “a concentração ocorrerá no entorno do Castelão”.

Justiça proíbe paralisação dos agentes de trânsito da AMC

O Tribunal de Justiça do Ceará, através da desembargadora Tereze Neumann Duarte Chaves, concedeu liminar, ontem (12), proibindo os agentes da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC) de paralisarem as atividades nos dias 14, 17, 21, 24 e 29 de junho e 4 de julho. Segundo o sindicato, a paralisação ocorreria devido à Prefeitura ter recuado na hora da assinatura de acordo impondo a categoria de abrir mão dos direitos retroativos garantidos pelo Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS). A negociação ocorreu após paralisações dos agentes nos meses de janeiro e fe-

vereiro deste ano, que na época cruzaram os braços porque a Prefeitura havia abandonado a mesa de negociação. Após as paralisações, o diálogo foi retomado e transcorreu com reuniões em março, abril e maio. MULTA A decisão judicial é uma resposta à ação ordinária, com pedido de antecipação de tutela, movida pela Prefeitura de Fortaleza através da AMC. A juíza Tereze considerou fundamental “garantir à população a imprescindível segurança na mobilidade”. O não cumprimento da liminar resultará no pagamento de multa diária de R$ 20.000,00 (vinte

mil reais), acrescida de R$ 200,00 (duzentos reais) correspondentes a cada um dos agentes faltosos. NOVA ASSEMBLEIA A categoria tem nova assembleia hoje (13), às 12h na Praça Estrela. A presidente do Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort), Nascelia Silva, informou à reportagem do jornal O Estado que o sindicato não foi notificado da liminar que proíbe a paralisação dos agentes da AMC. Nascelia adiantou que iria conversar com os advogados do Sindifort sobre a decisão judicial. No entanto, a presidente reiterou que a assembleia vai transcorrer

conforme o previsto. Os servidores reivindicam mudança do nível de ingresso na carreira de técnico para superior; melhores condições de trabalho e valorização dos agentes diante das grandes obras; correção da distorção salarial da categoria em relação à média das demais capitais do País; e correção da jornada de trabalho de 36 para 30 horas semanais assegurada no Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS). Antes da decisão judicial que impede a paralisação dos agentes, a assessoria do prefeito havia confirmado ao jornal O Estado que não havia previsão para novas rodadas de negociação com a categoria.


13

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

GERAL

FIFA FAN FEST

Torcedores acompanham estreia do Brasil no aterro Cerca de 15 mil pessoas reuniram-se para assistir à transmissão do jogo Brasil x Croácia, o primeiro da Copa do Mundo ANDERSON SANTIAGO

CAMILA VASCONCELOS Da Redação

C

erca de 15 mil pessoas reuniram-se no segundo Fifa Fan Fest, que aconteceu no Aterro da Praia de Iracema, no fim da tarde de ontem, para assistir à transmissão do jogo Brasil x Croácia, o primeiro da Copa do Mundo. Dentro do espaço organizado para receber os jogadores, o clima foi de alegria e de segurança. Após o jogo, os torcedores puderam comemorar a vitória do Brasil ao som da banda Sambô. Fortalezenses e turistas, de variadas etnias, marcaram presença na torcida e elogiaram a organização do evento. A cuidadora Francisca Soares estava com a família e com os amigos. “Se for para dar nota, dou 10. Aqui está ótimo, muito organizado, muitos policiais”, mas Francisca não gostou do preço da bebida dentro do local. “Estão vendendo cerveja por R$ 5. Está muito cara por ser vendida dentro de uma festa popular”, reclamou. GRINGOS O grupo de amigos da Alemanha escolheu Fortaleza para acompanhar a Copa do Mundo 2014. Torcendo pelo Brasil na Fan Fest, eles disseram que o evento superou as expectativas. “Estamos gostando da festa, muito boa, não estávamos esperando essa estrutura”. Os uruguaios Santiago e Lorenzo também acompanharam a transmissão dos jogos na Arena Fan Fest e informaram que estão gostando da cidade, dos cearenses e do

Fortalezenses e turistas, de variadas etnias, marcaram presença na torcida e elogiaram o evento evento. Eles vieram para acompanhar o jogo na Arena Castelão, amanhã (14) entre Uruguai e Costa Rica, mas aproveitaram para assistir à estreia do Brasil no Aterro. Vibrando com cada lance, a cadeirante Alice Maria, de 91 anos, foi acompanhada do filho Fernando Zornita para assistir à estreia do Brasil na Copa. Segundo Fernando, o evento estava organizado, com boa estrutura para receber deficientes físicos, com área especial reservada para acomodá-los. Porém, ele salientou que foi difícil o acesso até o local por falta de sinalização. “Não tem placas indicativas do local reservado para os cadeirantes. Mas tem rampas no local adequado e está bem organizado”, contou. Alice prometeu que irá nas próximas transmissões do Fifa Fan Fest. TRABALHO E TORCIDA O vendedor ambulante Arnaldo da Silva estava no evento comercializando bandeiras e artigos em verde e amarelo. Segundo ele, a paixão pela Seleção fala mais alto e, durante uma

venda e outra, conseguiu ver alguns lances do jogo. “As vendas estão muito boas. Todos estão num clima muito bom e torcendo para o Brasil. Isso facilita as vendas. Estou no Aterro desde as 6h e espero vender tudo”, comentou feliz. O diretor do Juizado da Infância e Juventude, Walter Batista, estava gerenciando equipe de 20 agentes que atuaram na Fan Fest. Com semblante sério e concentrado, o diretor explica que torce pelo Brasil e que conseguiu, mesmo que por pouco tempo, assistir à partida. “Sou brasileiro e fica difícil não olhar para o telão em alguns momentos. Mas como profissional preciso manter a seriedade”. Segundo o diretor, no segundo dia de evento não aconteceram ocorrências. “Temos agentes caracterizados e descaracterizados espalhados no Aterro para coibir a exploração sexual e a venda de bebidas alcoólicas para menores”, revelou. SEGURANÇA De acordo com o coman-

dante do Comando de Policiamento Especializado (CPE) e responsável pela Operação Copa do Mundo, coronel Soares, 650 policiais militares estiveram no local. “Todos estão prontos para atuar a qualquer problema e a qualquer situação. Na Fifa Fan Fest, também contamos com o apoio da Guarda Municipal, seguranças particulares, câmeras de filmagens, cavalaria que está por trás da área do evento. Todos os órgãos encarregados da segurança só têm a contribuir com a Polícia Militar”, informou. O coronel acrescentou, ainda, que o segundo dia de evento correu bem, dentro das expectativas. “Se não fosse a besteirada dos manifestantes que, lamentavelmente, jogaram pedras nos prédios, teria sido melhor”, concluiu. A Aurtarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e Cidadania de Fortaleza (AMC) atuou na ocasião fechando as ruas de acesso a Fan Fest. A operação de trânsito começou às 7 horas de ontem com a proibição de estacionamento nas áreas do Aterro da Praia de Iracema. ÔNIBUS A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) disponibilizou 50 ônibus extras, partindo dos sete terminais de integração através de linhas especiais, para transportar o público ao evento. Cerca de 30 agentes da Etufor atuaram em pontos no entorno da festa e em paradas das avenidas Abolição e Barão de Studart, para dar informações e ajudar no embarque dos passageiros.

BARES E RESTAURANTES VIRAM PONTOS DE TORCIDA Na estreia do Brasil na Copa do Mundo, os fortalezenses que não quiseram assistir aos jogos em casa, clubes e nem na Fifa Fan Fest, no Aterro, puderam escolher bares e restaurantes da cidade que abriram especialmente para receber os torcedores da seleção brasileira. Devidamente decorado, com equipe de garçons preparados e estoques abastecidos, a proprietária do Bar da Boa, localizado no calçadão da Avenida Beira Mar comemorou a vitória do Brasil contra a Croácia e a lotação no lugar. Marcélia Lima explica que já esperava um grande público para assistir aos jogos. “Tivemos todas as mesas ocupadas. Espero que seja lotação também nos próximos jogos do Brasil”. O garçom Francisco Wilton disse que o prato mais pedido foi camarão e lagosta. “Os cearenses e os turistas gostam muito. Vendemos muito”. Quando perguntamos se entre um pedido e outro ele conseguiu assistir aos lances, Wilton foi claro: “Não deu. É todo tempo o pessoal chamando e pedindo. Mas na hora do gol sempre dá para comemorar”, explicou.

VIBRAÇÃO O Bar do Papai, localizado na Rua Torres Câmara, também recebeu grande número de torcedores. Segundo o proprietário, o Papai, cerca de 350 pessoas. Todos na mesma vibração e vestidos com as mesmas cores “Estamos satisfeitos, conseguimos atender bem aos clientes. Nos próximos jogos também vamos transmitir na casa”, disse. Os clientes puderam se divertir com atrações musicais. A garçonete Walquíria Matins disse que, apesar do trabalho corrido, ainda deu tempo para assistir ao jogo. “Dá tempo para assistir ao jogo. Aqui vamos até 2 horas da madrugada. Adoro os jogos e estou muito animada”, disse. O professor Laerte Bedê não gostou muito da atuação da seleção brasileira na Copa, mas gostou de estar reunido com os amigos para acompanhar a partida. “O Brasil não está muito convincente. Está faltando ser mais ousado. Escolhemos o Bar do Papai, pois sempre estamos aqui. Desta vez, juntamos uma turma e está muito animado”, disse

GREVE DE ÔNIBUS

MPT convoca Sintro e Sindiônibus para resolver impasse nas negociações Com as negociações emperradas entre o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Ceará (Sintro-CE) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), a greve, marcada para a próxima segunda-feira, parecia inevitável. Diante da situação, o Ministério Público do Trabalho (MPT), através do procurador regional do Trabalho, Francisco Gérson Marques de Lima, notificou os dois sindicatos para prestar esclarecimentos acerca do impasse das

negociações da campanha salarial dos trabalhadores. A audiência está marcada para hoje, 13, às 14h, na sede do MPT. Antes, às 10h30, os órgãos participam de uma mesa de negociação com a mediação da Superintendência Regional Trabalho e Emprego (SRTE/CE). Em nota, o Sindiônibus destacou que as negociações com o Sintro serão retomadas, atendendo àconvocação da Dra. Jeritza Jucá, auditora fiscal da Superintendência do Trabalho que promoverá a reunião. A expectativa é de que o encon-

tro resolva o impasse entre os sindicatos, impedindo o início da greve. SAIBA MAIS Conforme o MPT, o serviço de transporte coletivo é considerado essencial pela Lei de Greve (Lei n 7.783/89, art. 10), em razão da sua relevância para a sociedade. No despacho, o procurador Francisco Gérson aponta que “os exemplos das greves no setor de transporte no País nos últimos dias, com violência e transtornos à população, sugerem que o MPT adote providências urgentes no

sentido de auxiliar na resolução do conflito e adotar as providências extrajudiciais e judiciais que o caso requer”. A categoria de trabalhadores reivindica 15% de aumento salarial, mudança do vale-refeição de R$ 9 para R$ 12, cesta básica de R$ 80 para R$ 120, discussão sobre a jornada de trabalho e cobertura de 100% do plano de saúde. Em contrapartida, o sindicato patronal oferece 6,67% de reajuste dos salários, vale-refeição de R$ 9 para R$ 9,50 e cesta básica de R$ 80 para R$ 85.

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

Análise CLÁUDIO HUMBERTO www.claudiohumberto.com.br

PT ACUSA PMDB DE FAZER CORPO MOLE SOBRE ALSTOM O PT acusa o PMDB de fazer “corpo mole” para instalar a Comissão Parlamentar de Inquérito que investigaria denúncias de pagamento de propina feito pela Alstom para ser favorecida em licitações no setor metroferroviário nos governos do PSDB em São Paulo e do DEM no DF. Segundo dirigentes petistas, o PMDB – que também é citado nas denúncias – adotou a postura do “quanto menos investigar, melhor”. • NA FILA. O PMDB e o PSDB até agora não indicaram nomes para compor a CPI da Alstom, que aguarda instalação pelo presidente Renan Calheiros.

• DE VOLTA. Ex-vice-presidente da Câmara e amigão do doleiro Youssef, André Vargas perdeu a vergonha e já viaja de avião comercial no Paraná.

• BRIGA ELEITORAL. O PT trabalha pela criação da CPI da Alstom, que atinge o coração do PSDB, desde que foi criada a CPI mista para investigar a Petrobras.

• GREVE E COPA. Professores municipais em greve ocupam, desde dia 10, a Câmara de Goiânia. Prometem assistir a estreia da Copa e não arredar mais o pé.

CORREIOS: “DEMISSÃO VOLUNTÁRIA DEVE FRACASSAR • O plano de demissão voluntária virou piada de corredor, nos Correios. São tantas as exigências, como o mínimo de dez anos de contrato e 50 de idade, e poucos incentivos, de R$ 30 mil a R$ 150 mil, que a maioria não se interessa. Para piorar, não haverá pagamento da multa de 40% do FGTS, pois a demissão é “a pedido”. Só vai aderir ao plano quem realmente não aguenta mais a situação caótica vivida na estatal. • SONHO LONGÍNQUO. O memorando 844 prevê adesão de 7.200 funcionários dos Correios à demissão voluntária, para reduzir a massa salarial e a idade média. • LIMITE. O plano dos Correios prevê gastos de R$ 490 milhões, divididos entre incentivos (R$ 397 milhões) e verbas rescisórias (R$ 93 milhões). • SEM COMPARAÇÃO. Plano da Petrobras teve mais de 8 mil adesões e pagará indenizações entre R$ 180 mil e R$ 600 mil, durante os três anos de desligamentos. • PALHAÇADA. A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara aprovou a irrelevante instituição do Dia Nacional do Palhaço. Mas a intenção, com certeza, não é homenagear o contribuinte, o otário que banca todo este circo. • PEC NA GAVETA. A PEC 300, que fixa piso salarial nacional para PM’s, está engavetada a pedido de governadores que alegam não ter dinheiro para isso. A proposta está na gaveta do presidente da Câmara desde 2011. • SAÚDE PRIVADA. O secretário-executivo do Ministério da Previdência, Carlos Gabas, não parece confiar no plano de saúde do governo: ganhou de “brinde” da Confederação Nacional do Comércio (CNC) o caríssimo plano da Amil. • FIASCO. Terminou frustrada a tentativa de greve dos aeroviários do Rio em plena Copa. Além

da Justiça ter considerado a ação ilegal, a baixa adesão foi um caminhão de água fria nos planos do sindicato. • MOBILIZAÇÃO. Com a participação da ministra aposentada do STJ Eliana Calmon, candidata ao Senado, o PSB-BA espera mil pessoas na convenção que acontecerá neste sábado (14). Eduardo e Marina Silva também vão. • PAÍS DE PINÓQUIO. O prometido submarino nuclear brasileiro chegará no propalado trem-bala para inaugurar a interminável transposição do São Francisco, protegido por dez caças suecos Gripen, que jamais voaram. • CONTENÇÃO DE GASTOS. Às vésperas do início da Copa no Brasil, o Senado (que vai estar em recesso) cancelou a compra de 57 aparelhos de TV para os gabinetes dos parlamentares. Renan Calheiros não achou a compra boa ideia. • ENTUSIASMO. Num momento de descontração, o administrador da Candangolândia (DF), João Hermeto, enviou mensagens de admiração a José Roberto Arruda (PR). O ex-governador brincou, exibindo-as a amigos: “(o vice-governador do DF, Tadeu) Filippelli não segura os meninos dele!”. • SEXTA-FEIRA 13. Foi numa sexta-feira, 13, em 2007, monumental vaia ao ex-presidente Lula, no Maracanã. A data é a mesma, mas, nesta Copa, os políticos não se arriscam.

O PODER SEM PUDOR O FUSCA É O MESMO Remexendo uns papéis há alguns anos, em 2007, o senador Cristovam Buarque (PDT-DF) encontrou o recorte de uma coluna de Danuza Leão, de 1993, noticiando uma visita de Lula a Brasília, tendo sido recebido no aeroporto por ele, ex-reitor da UnB, que o depois o levou a compromissos em seu Fusquinha. O ex-ministro da Educação, que ainda tinha o carro, acha que o ex-operário mudou muito: - Lula já não aceita carona em fusquinhas... • COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS


Mundo

14

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

IRAQUE

EUA ajudarão a combater extremistas, diz Barack Obama O presidente norte-americano disse que está avaliando “todas as opções” disponíveis para ajudar o governo iraquiano a conter o avanço da milícia islâmica Estado Islâmico do Iraque e do Levante

O

presidente dos EUA, Barack Obama, disse, ontem, que está avaliando “todas as opções” disponíveis para ajudar o governo iraquiano a conter o avanço da milícia islâmica Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL). Os ganhos obtidos pelo movimento nos últimos dias já ameaçam a capital, Bagdá. “Não descarto nada”, afirmou Obama a jornalistas, na Casa Branca, quando questionado sobre a possibilidade de ordenar a realização de ataques de drones (aviões não tripulados) no país.

Conforme o americano, é do interesse dos EUA impedir que os jihadistas obtenham ainda mais vantagem no combate e, por isso, o país já realizará ações imediatas, de curto prazo. Segundo o jornal “The New York Times”, o premiê iraquiano, Nuri al-Maliki, fez diversos pedidos secretos a Washington por assistência militar contra extremistas, mas foi rejeitado. De acordo com informações de autoridades americanas, o vice de Obama, Joe Biden, falou ontem por telefone com Maliki, para

debater a ajuda a ser dada. Os acontecimentos recentes no Iraque retratam de uma veloz intensificação do conflito, que ainda vive as consequências da invasão dos EUA, ocorrida em 2003. O vazio deixado pela retirada das tropas americanas, em 2011, é uma das razões para a instabilidade. INSURGÊNCIA Ontem, tropas curdas assumiram o controle total da cidade de Kirkuk, no norte do país, próxima à região autônoma curda do país. A invasão agrava a crise no

Iraque, que teve a cidade de Mossul, a segunda maior do país, também no norte, tomada pelo EIIL. Desde a quarta-feira, o EIIL tem avançado para cidades como Baiji, Tikrit e Falluja, aproximando-se da capital, Bagdá. O governo reagiu bombardeando algumas das posições dos rebeldes desde então. O EIIL, dissidência da Al Qaeda, tem como objetivo estabelecer um governo islâmico sunita no Iraque e na região do Levante, que também inclui parte da Síria e da Jordânia.

PLENO COMBATE

Ucrânia denuncia invasão por tanques russos e liga para Putin A Ucrânia disse ontem que uma coluna de blindados e tanques russos cruzaram a fronteira perto do distrito de Diakov, na região rebelde ucraniana de Lugansk. A imprensa local reportou que o ministro do Interior ucraniano, Arsen Avakov, afirmou que o Exército está em “pleno combate” na região. “Eles foram atacados por nossas forças militares. Parte da coluna foi destruída”, disse Avakov. Segundo a porta-voz da Presidência ucraniana, o presidente Petro Poroshenko entrou em contato com o homólogo russo, Vladimir Putin, para protestar contra a incur-

DIVULGAÇÃO

são, classificando-a de “inadmissível”. O Kremlin confirmou o telefonema, mas não confirmou a operação. Os blindados teriam cruzado a fronteira da Rússia na altura do distrito de Diakovo,

onde insurgentes pró-Moscou controlam, desde a semana passada, vários pontos de fronteira. A Ucrânia, assim como EUA e Polônia, denunciou que mercenários russos, inclusive tchechenos e cossa-

cos, cruzaram a fronteira nos últimos dias para se somar às milícias separatistas pró-russas que combatem nas regiões rebeldes de Donetsk e Lugansk. A esse respeito, Poroshenko propôs no dia 7 de junho, em seu discurso de posse, criar “um corredor para os mercenários russos que queiram retornar a suas casas”. No mesmo dia, Putin ordenou reforços na vigilância da fronteira com a Ucrânia para evitar incursões ilegais. No entanto, o governo de Kiev afirma que essa ordem não teve nenhum efeito e que os separatistas continuam recebendo provisões militares e reforços do país vizinho.

ÍNDIA

Mulher estuprada por policiais; jovem é achada enforcada Uma mulher que procurava notícias sobre seu marido, detido previamente por porte de arma, foi estuprada por três policiais em uma delegacia do estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia, informou ontem a imprensa local. De acordo com a fonte, o estupro ocorreu na madrugada de quarta-feira em uma delegacia do distrito de Hamirpur, onde a vítima pretendia falar com seu marido após inúmeras tentativas. Durante a madrugada, a vítima foi chamada pelo subinspetor da polícia local, Rahul Pandey, para abordar a detenção de seu marido e, após um tempo de espera, acabou sendo estuprada pelo agente agente citado junto a outros dois policiais. Após a ação, que teria se estendido por duas horas, os oficiais arrastaram a mulher até uma esquina próxima. Depois de ameaçar e liberar a vítima, os agentes também soltaram o marido dela três horas depois, embora tenham reforçado as ameaças. No entanto, tanto a vítima como seu marido registraram queixa perante o supe-

rintendente da polícia do distrito, V.K. Shekhar. “Foi registrada uma denúncia de estupro contra os policiais da delegacia”, assegurou ao jornal local “Hindustan Times Shekhar”, que confirmou a prisão do subinspetor Pandey, embora os outros dois agentes tenham conseguido fugir. “Demos proteção total à mulher e estamos fazendo tudo o que podemos para capturar os dois fugitivos”, acrescentou o superintendente de Hamirpur. ENFORCADA Mais uma adolescente foi encontrada enforcada em uma árvore ontem, supostamente após ter sido estuprada em Uttar Pradesh no quinto caso semelhante registrado na região nas últimas duas semanas, informou a polícia local. A jovem de 16 anos foi encontrada nesta manhã em uma árvore nos arredores da cidade de Rajpura. Fontes policiais disseram à agência local “Ians” que a jovem teria sido raptada na noite de ontem, quando sua família se dirigiu

a um casamento e a deixou sozinha em casa. A família da adolescente denunciou o desaparecimento da jovem em uma delegacia ainda na noite de ontem, mas acabou sendo rechaçada pelos agentes. De acordo com os familiares, a menina também teria sido vítima de estupro, uma acusação que ainda está sendo investigada. “Estamos investigando todas as possibilidades, incluindo a inimizade com alguma pessoa. Mas é muito cedo para qualquer conclusão”, disse um policial local à agência “Ians”. Nas duas últimas semanas, quatro casos - com cinco vítimas - de mulheres enforcadas foram registrados no estado de Uttar Pradesh. O penúltimo caso deles ocorreu ontem, quando uma mulher de casta baixa (dalit), de 45 anos, foi encontrada em uma árvore no distrito de Bahraich. O filho da vítima assegurou que a mesma foi estuprada e denunciou que, recentemente, sua mãe havia registrado uma queixa à polícia sobre a máfia dos licores local.

No final de maio, duas primas, de 14 e 15 anos, também foram estupradas e enforcadas em uma árvore por um grupo de homens, um caso que gerou protestos em todo o país. Este crime também teve uma ampla repercussão internacional e gerou uma intensa polêmica em relação às denúncias de inação policial. O governo de Uttar Pradesh, por sua vez, iniciou um serviço específico de atendimento telefônico direcionado às mulheres no estado, o mais povoado do país com quase 200 milhões de habitantes. Diante desta polêmica relacionada à falta de direito das mulheres, o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, disse ontem que a proteção da mulher deve ser uma prioridade no país. “Respeitar e proteger às mulheres deve ser uma prioridade para todas as pessoas deste país, já que, para seguirmos nosso caminho rumo ao desenvolvimento, necessitamos respeitá-las e garantir sua segurança”, declarou o líder.

DIVULGAÇÃO

“Não descarto nada”,afirmou Obama

POLÊ Irã decide mudar projeto de reator nuclear em prol de negociação O Irã anunciou que mudará o formato de um polêmico reator atômico em construção no sul do país, num aparente gesto de boa vontade em negociações nucleares que entram em fase decisiva. O chefe da Organização Iraniana de Energia Atômica, Ali Akbar Salehi, disse à mídia estatal que o reator de água pesada Arak irá gerar, quando concluído, 1 kg de plutônio a cada ano, em vez dos 9 kg previstos na concepção original. A mudança atende exigências dos países ocidentais, que viam risco de o Irã usar a instalação de Arak para desenvolver uma bomba atômica. Reatores de água pesada são abastecidos por um combustível nuclear que, após usado, pode ser reprocessado de maneira a gerar plutônio, um dos dois tipos de material,

ao lado do urânio, usados na fabricação da bomba. “Estamos atualmente ocupados com a reconfiguração do reator para adaptá-lo à mudança”, afirmou Salehi, que não participa das negociações, mas coordena as instalações nucleares iranianas. Iranianos negam a intenção de adquirir a bomba e alegam que o reator de Arak servirá para fabricar isótopos usados em tratamentos medicinais. O futuro de Arak é um dos principais pontos de divergência nas negociações entre o Irã e o grupo de potências que reúne EUA, China, Rússia, Reino Unido, França e Alemanha. Também há atritos acerca do tamanho final do programa nuclear iraniano e das condições para o fim das sanções econômicas contra Teerã.

HILLARY CLINTON Não é possível prever até onde vai insurgência no Iraque A ex-secretária de Estado e ex-primeira-dama Hillary Clinton disse, ontem, que não era possível prever o quão longe iria o Estado Islâmico no Iraque e no Levante (EIIL), organização militante sunita que surgiu em meio à crise síria e, nos últimos dias, tomou duas importantes cidades iraquianas: Mosul e Tikrit. “Não é mais só um problema sírio”, disse Hillary, durante evento de divulgação de sua nova biografia, “Hard Choices”, no Council on Foreign Relations, em Nova York. “Eu não poderia ter previsto o quão efetivo seria o EIIL em conquistar cidades no Iraque e dominar a região”, afirmou. Hillary era secretária de Estado em 2011, quando os EUA retiraram suas tropas do Iraque. Ontem, ela reforçou que sua visão sobre a Síria sempre foi a de que os EUA deveriam ter considerado melhor a opção de “treinar e equipar membros de oposição moderados”. “No começo havia pessoas como farmacêuticos, professores ou estudantes pegando em armas sem ter qualquer treinamento”, disse Hillary, que é o principal nome democrata para a corrida presidencial de 2016. “Onde estamos agora é claro para todos”, afirmou, sugerindo que não houve mudanças

significativas no cenário do conflito sírio desde então. Hillary, no entanto, defendeu a decisão de retirar as tropas do Iraque em 2011. “Na verdade, o deadline havia sido estabelecido pelo governo anterior [Bush]”, disse, destacando que houve “muito esforço” do governo americano para estabelecer um acordo sobre permanência de parte das tropas com o premiê iraquiano Nuri al-Maliki. “No fim, o governo Maliki não concordou, e não poderia haver tropas remanescentes no país sem esse tipo de acordo”, afirmou. Para ela, a situação é “diferente” agora no Afeganistão, onde o atual presidente, Hamid Karzai, também se recusa a assinar um acordo bilateral de segurança, que prevê proteção legal às tropas dos EUA que ficarem no país após a retirada oficial. Segundo o governo americano, os dois candidatos a suceder Karzai -as eleições serão neste fim de semanajá se comprometeram em assinar o acordo. No fim de maio, Barack Obama anunciou sua decisão de manter 9.800 militares americanos no Afeganistão após 2014. O grupo seguirá no país para treinar as forças afegãs e para operações pontuais de contraterrorismo.


15

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Estado do Ceará - Prefeitura Municipal de Eusébio - Autarquia Municipal do Meio Ambiente e Controle Urbano - Aviso de Licitação - Pregão Presencial/Registro de Preço Nº 2014.06.02.001/AMMA. A Autarquia Municipal do Meio Ambiente e Controle Urbano de Eusébio, por sua Pregoeira oficial, torna público que às 09:00 horas do dia 30 de Junho de 2014, na Sala da Comissão Permanente de Licitação da Autarquia Municipal do Meio Ambiente e Controle Urbano de Eusébio-Ce, situada à rua Eduardo Sá, 51, bairro: Centro, Eusébio-Ce, realizar-se-á Sessão Pública para recebimento dos envelopes de Proposta Comercial e Documentos de Habilitação, para a realização de Licitação cujo o Objeto é o Registro de Preço para futura e eventual Contratação de Empresa Especializada nos Serviços de Fornecimento de Refeições em Embalagem de Isopor, Self Service, Lanche e Coffee Break. O Edital poderá ser lido e obtido junto a Comissão de Licitação, situada na Rua Eduardo Sá, 51, Bairro: Centro, Eusébio-Ce, no horário de 08:00 às 13:00 horas ou através do site: www.tcm.ce.gov.br. Eusébio–Ce, 11 de Junho de 2014. Flávia Lima de Almeida - A Pregoeira ESTADO DO CEARÁ - PODER JUDICIÁRIO - 24ª VARA CÍVEL FÓRUM CLÓVIS BEVILÁQUA EDITAL DE CITAÇÃO COM O PRAZO DE 30 (TRINTA) DIAS Processo nº 740640-62.2000.8.06.0001/0 Adayde Monteiro Pimnetel, Juíza de Direito desta Vara, por nomeação legal, etc. FAZ SABER a todos quanto o presente edital virem ou dele conhecimento tiverem que, tem curso perante este Juízo uma ação de INDENIZAÇÃO promovida por MIL MADIRAS - COMERCIAL DE MADEIRAS LTDA contra MARIA ANTONIETA GALVÃO HOLANDA E SASHA IDIOMAS LTDA. É o presente EDITAL para CITAR os promovidos MARIA ANTONIETA GALVÃO HOLANDA E SASHA IDIOMAS LTDA, o qual se acha em local incerto e não sabido, advertindo-o de que terá o prazo de quinze (15) dias, a contar da expiração do prazo do presente edital, para, querendo, oferecer contestação , sob as penas da lei. CUMPRA-SE, observadas as formalidades legais. Dado e passado nesta cidade de Fortaleza, Capital do Estado do Ceará, aos vinte e oito (28) de Outubro de 2013. E eu, Anete Cavalcante Girão, Diretora de Secretaria, o assino. ADAYDE MONTEIRO PIMENTEL - Juíza De Direito

RÁDIOS E JORNAIS DO CEARÁ S/A CNPJ n o. 07.270.267/0001-48 - NIRE n o. 23300004221-CE Edital de Convocação - Assembleia Geral Ordinária Convocamos os acionistas desta sociedade a se reunirem em Assembleia Geral Ordinária, que se realizará no dia 04 de julho de 2014, às 10 horas, em sua sede social, na Rua Maria Tomásia, no 72, nesta Capital, a fim de deliberar sobre a seguinte ordem do dia: a) exame, discussão e votação das demonstrações financeiras relativas ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2013; b) destinação dos lucros do exercício findo e distribuição de dividendos. Comunicamos que se encontram à disposição dos senhores acionistas, na sede social e Publicado nos jornais Diário Oficial do Estado do Ceará e no Jornal O Estado, na data 06/06/2014, os documentos relativos ao exercício financeiro encerrado em 31 de dezembro de 2013. Fortaleza (CE), 15 de maio de 2014. João Edson Oliveira Queiroz - Diretor-Presidente. Doe 8,5 x 4,7

Edital de Loteamento - Expedito William de Araújo Assunção, oficial do Registro de Imóveis da 1ª Zona Imobiliária de Iguatu, Estado do Ceará, na forma da Lei, etc. Torna público, para ciência dos interessados e que dele conhecimento tiverem, em cumprimento ao disposto nos Arts. 18 e 19 da Lei Nº 6.766/79, que por parte dos representantes legais da Constram - Construções e Aluguel de Máquinas LTDA - EPP, firma com sede e foro na cidade de Fortaleza, Capital deste Estado, na Avenida Padre Antonio Tomaz Nº 2.345, Sala B, Aldeota, inscrita no CNPJ/MF sob o Nº 72.432.727/0001-59, a Senhora Hercília de Souza Oliveira, brasileira, casada no regime da comunhão parcial de bens, empresária, portadora da cédula de identidade RG. Nº 1257056-86, expedida pela SSP/CE, inscrita no CPF/MF sob o Nº 346.580.093-15, e José Ilo Alves Dantas Neto, brasileiro, solteiro, maior de idade, empresário, portador da cédula de identidade RG. Nº 2005010436253, expedida pela SPSP/CE, inscrito no CPF/MF sob o Nº 032.041.473-63, residentes e domiciliados na cidade de Fortaleza, Capital do Estado do Ceará, na Rua José Villar, nº 300, bairro Meireles, foram Depositários neste Ofício Imobiliário, dos documentos necessários e exigidos pelo artigo 18 da Lei Federal 6.766 de 29.12.1979, para o registro de Um loteamento denominado “ESPLENDOR II” situado no perímetro urbano desta cidade, no lugar denominado Varjota, com uma área total de 177.486,51m² (cento e setenta e sete mil, quatrocentos e oitenta e seis metros e cinquenta e um centímetros quadrados), ou seja, 177,7486 hectares, cujo imóvel acha-se matriculado neste Cartório de Registro de Imóveis da 1ª Zona Imobiliária de Iguatu-Ceará, objeto da Matrícula Nº 13.688, com as seguintes características: Quadro Resumo. Área Total do Terreno: 177.486,51m² (cento e setenta e sete mil, quatrocentos e oitenta e seis metros e cinquenta e um centímetros quadrados); Área Loteada - 75.713,73m² (setenta e cinco mil, setecentos e treze metros e setenta e três centímetros quadrados); Área Livre (Verde) - 27.002,67m² (vinte e sete mil e dois metros e sessenta e sete centímetros quadrados); Área Institucional - 8.920,00m² (oito mil e novecentos metros quadrados); Áreas das Vias Públicas - Ruas e Calçadas: 65.850,08m² (sessenta e cinco mil, oitocentos e cinquenta metros e oito centímetros quadrados). QUANTIDADE DE LOTES - 471 (quatrocentos e setenta e um). Quantidade de Quadras - 22 (vinte e duas). A Quadra 01 é composta da área verde e área institucional; A Quadra 02 é composta de 24 lotes; A Quadra 03 é composta de 24 lotes. A Quadra 04 é composta de 24 lotes; A Quadra 05 é composta de 24 lotes; A Quadra 06 é composta de uma área livre; A Quadra 07 é composta de 40 lotes; A Quadra 08 é composta de uma área livre; A Quadra 09 é composta de 07 lotes; A Quadra 10 é composta de 31 lotes; A Quadra 11 é composta de uma área livre; A Quadra 12 é composta de 29 lotes; A Quadra 13 é composta de 22 lotes; A Quadra 14 é composta de 16 lotes; A Quadra 15 é composta de 20 lotes; A Quadra 16 é composta de 16 lotes; A Quadra 17 é composta de 53 lotes; A Quadra 18 é composta de 40 lotes; A Quadra 19 é composta de 38 lotes; A Quadra 20 é composta de 24 lotes; A Quadra 21 é composta de 20 lotes e a Quadra 22 é composta de 19; As medidas, áreas das quadras, dos lotes e arruamento, constam da Planta e Memorial aludido, estando o imóvel livre e desembaraçado de ônus até a presente data. As impugnações de quem se julgar prejudicado quanto ao domínio do referido terreno, deverão ser apresentados dentro de 15 (quinze) dias a contar da data da terceira e última publicação do presente Edital, em Jornal de circulação na cidade, nos termos do art. 19 da citada lei. Findo o prazo deste e não havendo impugnação será feito o registro, estando os documentos à disposição dos interessados neste Cartório, durante as horas regulamentares. O loteamento em referência foi aprovado pela Secretaria Obras e Urbanismo da Prefeitura Municipal de Iguatu, conforme Licença de Instalação Nº 001/2014, datada de 12 de fevereiro de 2014, com validade até 12 de fevereiro de 2016. Dado e passado nesta cidade de Iguatu, aos 05 de junho de 2014. Expedito William de Araújo Assunção Oficial do Registro de Imóveis da 1ª Zona Imobiliária de Iguatu-Ceará

SANTOS BATISTA RESTAURANTE LTDA-ME. Torna público que requereu a SEUMA, a Licença de Operação, para Restaurantes e Similares, localizado na Av. Rui Barbosa, nº 600, bairro Aldeota, Fortaleza-CE. Foi determinado o cumprimento das exigências do Manual de Informações para o Licenciamento Ambiental da SEUMA.

E D I T A L - CARTORIO: JOÃO MACHADO 7o OFICIO. RUA FLORIANO PEIXOTO, 818 FONE: 3201-1100 - FAX: 3201.1115. TORNO PÚBLICO QUE SE ENCONTRAM NESTE CARTORIO PARA PROTESTO OS SEGUINTES TITULOS: DMI 295,35 5246 - N & N COLCHOES LTDA 17833232000123 BANCO ITAU S/A DSI 9.800,00 ANNA CAROLINE GRANGEIRO 11903400708 BANCO SANTANDER BANESPA S.A DSI 451,87 BRUNA KEZYA ESTEVAO SOUSA 60408410361 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR RATIO LTDA DMI 1.840,00 CAUMIX SERV DE CONST E LO LTDA 17720877000150 BANCO ITAU S/A DMI 315,00 CLINICA DE REABILITACAO ORO FACIAL LT 11744398000197 BANCO DO BRASIL S/A DSI 2.000,00 CONDOMINIO VIVENDA DAS AGUAS 3653254000105 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 2.000,00 CONDOMINIO VIVENDA DAS AGUAS 3653254000105 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 285,00 CONSORCIO QG/GE 9561968000161 BANCO BRADESCO S/A DMI 2.910,00 CONSTRUTORA E DIST. CASTRO LTDA 7392442000170 BANCO DO BRASIL S/A DSI 449,77 DALVELINE RODRIGUES SOARES 1833557336 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR RATIO LTDA CDA 129,66 DANIEL GOMES GURGEL 22011277353 ADVOCACIA GERAL UNIAO ANATEL

DMI 1.476,30 DREGOOD S INDUSTRIA E COMERCIO DE CONFEC 1506143000132 SAFRA DMI 893,50 DVG COMERCIO REPRESENTACAO IMP 10306763000119 BANCO ITAU S/A DMI 504,00 FABRICA DE GAIOLAS - M P E COM SERV E IMP 8387725000196 BANCO DO BRASIL S/A DSI 1.312,50 FRANCISCO IVONILDO DE FREITAS OLIVEIRA 5008787306 CEF PRACA DO FERREIRA DMI 60,00 FRANCISCO JOSE PEREIRA 42403111368 BANCO ITAU S/A DMI 792,00 GLAUCIA LIMA GRESS EPP 10143362000195 BANCO DO BRASIL S/A DMI 492,50 HM IMPORTS COMERCIO E MAQUINARIO DE CONS 13376050000110 CEF - PRACA DO FERREIRA CBI 32.185,95 ISABEL DE F CAMINHA PONTES ME 13880178000116 BRADESCO AG PONTES VIEIRA DMI 5.013,14 JAIME DE MORAIS VERAS JUNIOR 82622043368 BANCO BRADESCO S/A DMI 241,92 JATIVA LIVRARIA E PAPELARIA LTDA 9413224000108 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 6.149,99 JOAO JUNIOR RIOS GOMES ME 16726744000128 ITAPETINGA AGRO-INDUSTRIAL S/A DMI 290,00 JOAO VICTOR RODRIGUES

DANTAS 62429442353 BANCO ITAU S/A DMI 601,31 JOEL PORTELA ALVES ME 11226154000112 BANCO ITAU S/A DMI 205,62 JOSE WELLINGTON ALVES FERREIRA ME 35082999000140 BANCO DO BRASIL S/A CBI 6.541,99 JOSUE DE CARVALHO CORREIA 44544359368 BANIF BANCO INTERNACIONAL DO FUNCHAL ( B DMI 990,00 KARINE FACO ALMEIDA 62302957334 BANCO DO BRASIL S/A DMI 250,44 LASELVA COM DE LIVROS E ARTIGOS DE 53928891001693 JSB COM E REPRESENTACOES LTDA DMI 350,00 LIDUINA PAES MONTEIRO 44738269372 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 1.814,43 LOCKTEC COMERCIO DE EQUIP.ELETRON.LTDA 7857476000192 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 583,47 M C DE SOUZA ROSAS ME 14424793000180 PETISCO DISTRIBUIDORA DE ALIMENTOS EIREL DMI 671,30 MARCOS RAMOS DE AGUIAR JUNIOR - ME 17762652000166 BANCO DO BRASIL S/A DMI 487,00 MCF PROMOT. ADM. CRED. E COB.S/C LTDA 2230614000195 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 1.169,55 MCX PARTICIPACAO E INVESTIMENT 17767839000152 BANCO ITAU S/A

DMI 280,00 NAZCA EVENTOS LTDA - ME 13444159000147 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 576,00 PETRA CONSTRUTORA LTDA 1758109000406 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 65.284,93 RAMACON DISTRIBUIDORA DE MATER 5065496000103 BANCO BRADESCO S/A DMI 305,00 RESIDENCIAL DAMAS 5215427000120 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 686,00 SANDRO TAVARES SILVA 29883167830 CEF - PRACA DO FERREIRA DMI 486,48 SBS IND. COM. E IMPORTACAO DE ETIQUET 10192736000162 BANCO DO BRASIL S/A DMI 350,00 STUART CASTRO FARIAS LIMA 73895300306 BANCO ITAU S/A DMI 3.888,70 TACO TECNICA DE ASSESSORIA CONSULT E OBR 15295071000136 BANCO SANTANDER BANESPA S.A DMI 1.713,92 TEREZA CRISTINA FERREIRA MOREI 12130609000164 BANCO BRADESCO S/A DMI 1.014,00 TRC TERMINAL RETROPORTUARIO DE CONTAINERS & 7523790000724 ECO ENG E DISTRIBUICAO LTDA DMI 1.718,33 WESCLEY DA SILVA ROCHA 66830583349 13815106000195 CEF - PRACA DO FERREIRA

E COMO NÃO TENDO ENCONTRADO OS DEVEDORES NOS ENDEREÇOS INDICADOS, OS INTIMO PELO PRESENTE EDITAL, NA FORMA DA LEI, E POR FALTA DE PAGAMENTO, A PAGAREM OS TÍTULOS EM APREÇO, NO DIA 13/06/2014 de 08:00h as 12:00h e de 13:00h as 16:00h OU APRESENTAREM OS MOTIVOS DE SUAS RECUSAS. FORTALEZA, 12 de junho de 2014. DRA. Maria Salma Onofre Machado (Tabeliã substituta)

COMERCIAL TAVARES DE COMBUSTÍVEIS E LUBRIFICANTES LTDA Torna público que requereu da Superintendência Estadual do Meio Ambiente - SEMACE a renovação da Licença de Operação para Posto de Revenda de Combustíveis e Derivados de Petróleo, localizado no Município de Fortaleza, na Av. Santos Dumont, 2484, Aldeota. Foi determinado o cumprimento das exigências contidas nas Normas e Instruções de Licenciamento da SEMACE.

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDORES FIDUCIANTES A Bela. MONIQUE GURGEL DE SOUZA COELHO, Oficiala do Registro de Imóveis na 5ª Zona da Comarca de Fortaleza, Estado do Ceará, INTIMA OS SENHORES GILBERTO VILSON AGOSTINHO E ARIANE SHERIDA RIBEIRO sobre o saldo devedor de suas responsabilidades, para fins de cumprimento das obrigações contratuais, constantes na Cédula de Crédito Bancário n° 237/1809/187067400, garantida por Alienação Fiduciária, firmada em 04/01/2011, registrada sob o R.03 da matrícula n° 9.238, deste Cartório, referente ao imóvel situado na Rua Paulo Morais, n° 720, apartamento n° 601, Papicu, Fortaleza - CE, CEP: 60.175-175, relativas aos encargos, que se encontram vencidos desde 18/11/2012 a 18/04/2014. Informa, ainda, que o valor dos encargos, posicionado em 18 de maio de 2014, corresponde a R$ 41.510,44 (quarenta e um mil, quinhentos e dez reais e quarenta e quatro centavos), sujeito à atualização monetária, aos juros de mora e às despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se, também, o(s) encargo(s) que vencer(em) no prazo desta intimação. Assim, procede à INTIMAÇAO de V.Sas, para que se dirijam ao Cartório de Registro de Imóveis, na Av. Barão de, Studart, 330, Meireles, Fortaleza-CE, onde deverão efetuar a purga do débito acima discriminado, no prazo improrrogável de 15 (quinze) dias, contados a partir do primeiro dia útil da data de publicação deste edital. Na oportunidade, ficam V.Sas cientificados de que o não cumprimento da referida obrigação, no prazo indicado, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário, Caixa Econômica Federal - CEF, tudo nos termos do Art. 26, §7° da Lei n° 9.514/97. Caso V.Sas tenham efetuado o pagamento do débito antes da presente publicação, gentileza desconsiderá-la, para todos os fins de direito. Dado e passado nesta cidade e comarca de Fortaleza-CE, aos 22 dias de maio de 2014, subscreve e assina, MONIQUE GURGEL DE SOUZA COELHO.

CARTÓRIO V. MORAES REGISTRO CIVIL DA 3a ZONA DE FORTALEZA-CE Rua Castro e Silva, 97-101 - Centro Fone: 3231-4170 / 3231-4198 EDITAL DE PROCLAMAS Faço saber que pretendem casar-se neste cartório os nubentes: 10.764 Ariel Ribeiro Pinheiro e Miriane Andrade de Morais. Fortaleza, 12 de Junho de 2014 Tânia Maria Agostinho da Silva Escrevente

JAIME ARARIPE SERVIÇO REGISTRAL Av. Mister Hull, no 4965, Fone: 3235.3301 e-mail: cartorio@secrel.com.br EDITAL DE CASAMENTOS Faço saber que pretendem casar-se neste Cartório os nubentes: 56.862 Francisco Gleidson Macieira Ferreira e Francisca Kelly de Oliveira Almeida. Fortaleza, 12 de junho de 2014 Bel. Jaime de Alencar Araripe Júnior Oficial Titular

JEREISSATI SERVIÇO REGISTRAL RUA MAJOR FACUNDO, 709 - CENTRO - FONE: 3231.2353 EDITAL DE CASAMENTO Faço saber que pretendem casar-se neste Cartório: 57.527 - Francisco Éderson Cavalcante Nunes e Juliana da Silva Araujo. 57.528 - Renê Crisostomo Lessa e Vanessa de Castro Guerra. 57.529 - Saulo Bruno de Brito dos Santos e Ana Karlla Aragão Cardoso. 57.530 - Francisco Raimundo Ferreira e Germonica Maria Sousa do Nascimento. 57.531 - José Teófilo de Oliveira Filho e Meirilany Melo Ricarte. 57.532 - Elder Barbosa dos Santos e Tatiana Ferreira de Oliveira. 57.533 - Wesller Moreira Monteiro e Dioneé de Sousa Chagas. 57.534 - José Gerardo Araujo e Ana Maria Franco Marques. 57.533 - Fabio Lucas da Silva e Samara Morais da Silva. 57.534 - Carlos Andre dos Santos Rocha e Lucilene da Silva Martins. 57.536 Ananias Vieira de Carvalho Neto e Elaine Fernandes Pontes. 57.537 - Carlos Roberto Vieira de Oliveira e Fernanda Teófilo Holanda Saraiva. 57.538 - Mailson Pinto de Oliveira e Valessa Freires Maciel. 57.539 - Vanderson de Sousa Cunha e Karla Luana Moreira da Silva. 57.540 - Arthur Rodrigues Araruna e Francisca Juliana Feitosa Soares. 57.541 - Paulo Ronald Carvalho de Andrade e Liliane Braga de Albuquerque. 57.542 - José Cleiton Oliveira da Silva e Luzinete Alves de Sousa. 57.543 - Paulo Sérgio Silva Ribeiro e Joselene Alexandre do Nascimento. 57.544 - Paulo Eduardo Santos Paixão e Maria Cislandia Matins do Nascimento. Fortaleza, 22 de Maio de 2014 Maria de Salete Jereissati de Araújo

JEREISSATI SERVIÇO REGISTRAL RUA MAJOR FACUNDO, 709 - CENTRO - FONE: 3231.2353 EDITAL DE CASAMENTO Faço saber que pretendem casar-se neste Cartório: 57.545 - Reginaldo Santos de Sousa e Maria de Fátima Pereira da Silva. 57.546 - Marcio Rennê Pessoa de Oliveira e Tatiana Mesquita de Paiva. 57.547 - Ronaldo de Barros Pinto e Daniele Pereira do Nascimento. 57.548- Gevan Torres dos Santos e Maria Danaria Pereira Belém. 57.549 - Tiago Furtado das Chagas e Jessica Albuquerque Pinheiro. 57.550 - Romeu de Almeida Tavares e Claudia Maria de Melo. 57.551 - Renan Nascimento Rocha e Lucileide Santos Araujo. 57.552 - Alessandro da Silva Bezerra e Roberta Hingrid Fernandes Pinto. 57.553 - Fernando Pereira de Sousa Junior e Maria Cristiane Tabosa Lima. 57.554 - Eric Leandro Marques dos Reis e Aretuza Regia de Mascena Lima. 57.555 - Bruno Vírino da Costa e Fátima Ingrid Sousa Viana. 57.556 - Halison Teixeira Figueiredo e Leidiana Muniz Moura. 57.557 - Anderson Mateus de Freitas Souza Mesquita e Maria Eunice Justino de Lima. 57.558 - Francisco do Carmo Silva Junior e Ana Maria Alves Pinto. 57.559 - Francisco de Assis Ponte e Francisca Alves Rolim de Albuquerque. 57.560 - Antonio Rogério Crisostomo de Souza e Vanusa Almeida de Sousa. 57.561 - Cosmo de Souza e Aline Teixeira Paiva. 57.562 - Francisco Wellington Rodrigues Barros e Cinthya Teixeira Paiva. 57.563 - Gideon Gonçalves Araujo e Simone de Sousa Barroso. 57.564 - Januario de Sousa e Regina Maria de Paiva Alves. Fortaleza, 26 de Maio de 2014 Maria de Salete Jereissati de Araújo

SERVIÇO REGISTRAL DA 4a ZONA - FORTALEZA-CE (CARTÓRIO NORÕES MILFONT) Rua Castro e Silva, no 38 - Centro Fone: 3226.4172 - Fax: 3253.2448 EDITAL DE PROCLAMAS Faço saber que pretendem casar-se neste Cartório os nubentes: 49402 - Igor de Queiroz Sousa e Andressa Monteiro da Silva 49403 - Sebastiao Nojosa de Freitas e Antonia Ozanira Ferreira 49404 - Antônio Edenilson Nogueira da Costa e Nagila dos Santos 49405 - Rafael dos Santos Silva e Gleuriane Galvino Pereira 49406 - Bruno Vieira Soares e Priscila Duarte Barroso 49407 - Antônio Romario Alves Brigido e Vanderlene Marques da Silva 49408 - Sebastião Bento de Menezes Neto e Sabrina Oliveira Arruda 49409 - João Policarpo Neto e Tania Policarpo Duarte 49410 - Geiciano da Cruz Gomes e Ana Karine de Andrade Melo 49411 - Jonas Braga dos Santos e Barbara Elisa Pinto Marques 49412 - Francisco Flavio Freitas de Lima e Maria Lidiane do Nascimento 49413 - Paulo Alberto Barros Soares e Maria Charliny Alves dos Santos 49414 - Davi Moreira da Silva e Elizabeth Praxedes Cosmo 49415 - José Marcelo Silva Lima e Geisivane Maria Freitas de Sousa 49416 - Glauber Matos Silva e Valeria Nascimento 49417 - Ricardo Jander Freitas Braga e Talitha Mara da Silva Morais 49418 - Roberto Ferreira da Silva e Carmen Lucia Mesquita da Costa 49419 - Walisson de Sousa Silva e Selena Pereira da Silva 49420 - João Gleyson Barros Ribeiro e Amanda de Freitas Barboza Fortaleza, 05 de Junho de 2014 ANTÔNIO TOMÁS DE NORÕES MILFONT OFICIAL DO REGISTRO CIVIL

SERVIÇO REGISTRAL DA 4a ZONA - FORTALEZA-CE (CARTÓRIO NORÕES MILFONT) Rua Castro e Silva, no 38 - Centro Fone: 3226.4172 - Fax: 3253.2448 EDITAL DE PROCLAMAS Faço saber que pretendem casar-se neste Cartório os nubentes: 49421 - Gilvan de Araujo Paiva e Olga Alves de Oliveira 49422 - Romrio Cordeiro da Cruz e Josiani Vidal Martins 49423 - Vicente Leonardo Silva da Cruz e Fiama Jessica Alves Silva 49424 - Agostinho Gomes da Costa Neto e Carla Mirella Veras Sales 49425 - Tiago Costa Lima e Catarina Nilma Sampaio Ferreira 49426 - Orlando Carneiro Felix Filho e Fatima Dyemes da Silva de Almeida 49427 - Edvar Medeiros da Silva e Adriana Farias da Silva 49428 - Pedro Henrique Silva de Oliveira e Maria Erinete Marques Lourenço 49429 - Werber dos Santos e Mayra Barbara Ribeiro Antunes 49430 - Raimundo Vieira da Silva e Ana Paula Mendes de Souza 49431 - Amarildo Carvalho de Medeiros e Evilene da Silva Menezes 49432 - Leandro do Espirito Santo Soares e Evila da Silva Meneses 49433 - Raimundo Fagner Pinto do Nascimento e Lucivania Oliveira de Freitas 49434 - Francisco Geovane de Brito Filho e Silvana Benedita Leme 49435 - Rômulo Ycaro de Oliveira Pereira e Flaviana da Silva Leal 49436 - Márcio Gleidson Martins de Oliveira e Evilayne Cristina Sousa da Silva 49437 - Pedro Henrique da Silva Lima e Jessica Silva Freire 49438 - Jose Evaldo Marreiro de Souza Junior e Lauane Cristina de Souza 49439 - Marcos Paulo do Carmo Brito e Jennifer Ingrid Santos Lima Fortaleza, 12 de Junho de 2014 ANTÔNIO TOMÁS DE NORÕES MILFONT OFICIAL DO REGISTRO CIVIL


Ceará

16

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Interior ANTÔNIO VIANA

antonioviana@oestadoce.com.br www.antonioviana.com.br

DEPOIS DE SANTO ANTONIO, SÃO JOÃO EM HORIZONTE

• Verdade. Terminam hoje, os festejos em honra a Santo Antônio (com destaque para as celebrações em Barbalha, Quixeramobim, Caridade e na Maraponga, em Fortaleza), mas, já a partir de amanhã, sábado, 14, e até o dia 24 a festa será em vários municípios do interior cearense e do Nordeste, mas, de forma bem especial, em Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza. Em Horizonte, conforme afirmou ao Política Especial, na Cidade AM 860, o prefeito Manoel Gomes Farias Neto, nosso popular Nezinho (Foto), “muita música, alegria, comidas típicas, apresentações culturais e eventos religiosos - comandarão o cenário dos festejos em alusão ao padroeiro do município”. Neste 87o São João de Horizonte, a Igreja Matriz receberá as programações, diariamente, a partir das 17horas, com exceção do domingo (15) quando as celebrações se iniciam às 7 horas e na terça-feira, 24, feriado municipal e Dia do Santo, com a festa começando às 9 horas. • MAIS DETALHES - Os festejos terão início amanhã com uma procissão a ser realizada a partir das 18 horas, saindo da Comunidade Nossa Senhora das Dores, no Mangueiral I, em direção à Igreja Matriz, seguindo-se o hasteamento da bandeira e a realização da Santa Missa de abertura. Depois, Festival de Quadrilhas Juninas e Arraiá da Feliz Idade. O prefeito Nezinho está empolgadíssimo, ao lado da primeira-dama Jô e da equipe de governo, afirmando que vai aproveitar para agradecer a Deus e ao padroeiro São João, por intercessão de Nossa Senhora as bênçãos que Horizonte tem recebido no plano administrativo e social. • NOUTROS MUNICÍPIOS - Conforme levantamento feito pelo companheiro “andarilho da notícia”, Wolker Gomes, além de Horizonte, também é tradicional a Festa de São João Batista, em Uruburetama e ainda nos municípios de: Acarape, Cedro, Pacujá e São João do Jaguaribe. Durante os festejos, com quadrilhas, muito arrasta-pé, as comunidades se confraternizam com os tradicionais encontros dos conterrâneos e as comidas típicas e outros eventos fazem a alegria de todos. Em todos os municípios, via de regra, os prefeitos conseguem junto ao Governo Estadual e à Polícia Militar um reforço no policiamento local, oferecendo a todos um melhor sistema de

segurança. Muita alegria e paz é o que desejamos a todos, nós, que divulgamos a vida municipalista, aqui no jornal O Estado, no Política Especial, na Cidade AM 860 (de 6h30 às 8h e de 10 às 11 horas, de segunda a sexta-feira) e ainda no sistema antonio viana online (www.avol. com.br) e rede facebook. • HORA DE ABRAÇAR - Hoje, muitos abraços e festa para o ex-vereador Idalmir Feitosa, professor Manoel Domingos. E amanhã, sábado, tem festa na Cidade 860, pois, é dia de abraçar o radialista e comentarista político que vem se destacando ao nosso lado, o irmão Carlos Viana e a nossa secretária, eficiente e muito amiga de todos quantos fazem a emissora, a bonitona Cristina Silva. • TEM MAIS FESTA Também amanhã, sábado, 14/06, quem estará aniversariando: ex-vereador de Fortaleza e ex-deputado federal Antônio Morais, o repórter fotográfico Levy Fonseca, o coronel que virou promotor de Justiça Evânio Guedes e o ex-secretário estadual Mário César Andrade Sales. No domingo, 15, podem fazer a festa para minha irmã Fátima Viana, Gláucia Peixoto, esposa do grande comunicador Peixoto de Alencar, Maria Auxiliadora Lima Batista, esposa do ex-prefeito de Aratuba, Júlio César Lima Batista e para o empresário e ex-prefeito de Tauá, Joaquim de Sousa Bastos. Parabéns a todos.

Sim, é verdade. Será no próximo domingo, 15, a partir das 15h30min, no Estádio Municipal de Itarema, a final do Campeonato de Futebol do Vale Acaraú e Vale do Curu, com a aguardadíssima partida entre as seleções do Itapajé Futebol Clube e Itarema Esporte Clube. Segundo o jornalista Alysson Oliveira que foi convidado para a festa pelo organizador do certame, professor Irades Cordeiro, o jogo deverá se transformar num grande espetáculo de congraçamento entre as famílias dos vários municípios das duas regiões. Aguarda-se, também, a presença de lideranças políticas e boa cobertura da imprensa regional.

RÁDIO ASSUNÇÃO AM 620

Todos os domingos de 10 ao 12 horas.

JORNALISTA

DIREÇÃO GERAL

RONALD

MP ajuíza ação contra ex-prefeito de Jucás Segundo Ministério Público, houve mau planejamento e inexecução dolosa do orçamento durante a gestão de José de Oliveira Facundo

O

Ministério Público do Estado do Ceará ajuizou uma ação civil pública contra o ex-prefeito do município de Jucás, José Helânio de Oliveira Facundo, por atos de improbidade administrativa. O documento foi assinado pelo promotor de Justiça Alexandre Paschoal Konstantinou. As investigações do MP foram motivadas após denúncias de que os servidores públicos municipais não receberam os salários de novembro/dezembro de 2012. Com base em relatórios do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), foi constatado que houve mau planejamento e inexecução dolosa do orçamento, inclusive com o cometimento de vários crimes contra as finanças públicas e crimes de responsabilidade que estão sendo apurados através de inquérito policial requisitado pelo MP. O ex-prefeito deixou “o sucateado município de Jucás com um endividamento de cerca de R$ 30 milhões”. Parte da dívida foi contraída com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), no valor de R$ 22.465.589,96; com o Pro-

DIVULGAÇÃO

O ex-prefeito, diz o Ministério Público, deixou o sucateado município com um endividamento de R$ 30 milhões grama de Integração Social e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), no valor de R$ 583.908,25; com o FGTS no valor de R$ 28.908,25, além de dividas com a Companhia Energética do Ceará (Coelce), no valor de R$ 267.293,83; com a Companhia de Ges-

tão de Recursos Hídricos do Estado (Cogerh), no valor de R$ 49.747,88 e com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no valor de R$ 131.936,29. FALHAS GRAVES O município esteve sob a gestão de José Helânio

desde 1997, com exceção do mandato compreendido entre 2005 e 2008, em que seu sobrinho, Gabriel de Mesquita Facundo, foi prefeito. O TCM detectou, ainda, graves irregularidades em relação à análise de pessoal, dentre elas, constatou que o ex-gestor, no mês de dezembro de 2012, mantinha 429 servidores contratados temporariamente, alguns com renovações sucessivas desde o ano de 1996, o que fere a essência da contratação temporária de servidores. Afora os contratados temporariamente, existiam, na Prefeitura de Jucás, 117 servidores ocupantes de cargos em comissão, enquanto as leis municipais autorizavam apenas 65. No ano de 2012, José Helânio foi condenado por improbidade administrativa, em razão de irregularidades na contratação temporária de servidores, tendo a Justiça determinado a exoneração de todos os servidores contratados de forma precária. Entretanto, o ex-gestor descumpriu, tendo inclusive realizado novas contratações de servidores após a decisão judicial e em período vedado pela lei eleitoral.

Recadastramento dos taxistas de Sobral prossegue até 20 de junho A Prefeitura de Sobral iniciou no dia 9 de junho e prossegue até o dia 20, também de junho, o recadastramento anual dos taxistas do Município. O recadastramento é obrigatório e será realizado na sede da Guarda Municipal (Coordenadoria de Transporte), das 8h às 17h. O recadastramento, coordenado pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos do Município, inclui vistoria dos itens de segurança dos veículos, avaliação dos motoristas e avaliação de documentos para o exercício da atividade. O objetivo é garantir a segurança dos usuários que utilizam o serviço e manter atualizados os dados dos permissionários em exercício. Os taxistas devem apresentar os seguintes documentos: cópias da Carteira Nacional

DIVULGAÇÃO

129 taxistas devem renovar o cadastro junto à Secretaria de Conservação e Serviços Públicos de Habilitação (CNH); Carteira de Trabalho (CTPS); comprovante de residência (atualizado); certidão de

bons antecedente da Justiça Estadual; Certidão de Bons Antecedentes da Justiça Federal; Certidão de quitação

eleitoral; Certidão Negativa de Débitos Municipais; CRLV do veículo; e duas fotos 3x4 recentes e coloridas.

JUAZEIRO DO NORTE

DOMINGO, O CAMPEÃO

PROGRAMA

CORRUPÇÃO

MACHADO

Polícia apreende menor de 17 anos com um revólver e seis cartuchos intactos A polícia de Juazeiro do Norte, a cerca de 500 quilômetros de Fortaleza, apreendeu dois adolescentes, sendo um armado com um revólver e outro de facão. Por volta das 15 horas, no cruzamento das ruas São Pedro e São Joaquim (Centro), uma equipe da FTA (Força Tática de Apoio) abordou o menor de iniciais J. C. A. O., de 17 anos, com um revólver calibre 38 tendo seis cartuchos intactos e outros seis

sobressalentes no bolso da calça do garoto. Antes, no meio da manhã na Rua das Flores e bem em frente ao quartel do Corpo de Bombeiros (Romeirão), foi a vez de militares do Ronda do Quarteirão levarem para a Delegacia outro adolescente. Um menor de 15 anos foi visto por populares com uma arma branca tentando roubar a carteira de um aposentado de 68 anos. O mesmo foi detido por populares e entregue à polícia

que encontrou um facão na mochila do adolescente. FURTOS E ROUBOS Por outro lado, uma moto foi furtada no bairro Frei Damião e um celular no São Miguel, além dos roubos de uma bolsa na Lagoa Seca e outro celular nas Timbaúbas. Na Rua Elba Leite (Frei Damião), um jovem de 24 anos ali estacionou sua moto cinquentinha de cor azul e não mais a encontrou ao retornar.

Por volta das 19 horas, na Rua São Francisco (São Miguel), uma jovem de 22 anos teve o seu celular furtado da janela. Meia hora depois, na Rua Francisca Filgueiras Cruz (Timbaúbas), uma menor de 17 anos foi abordada por dois homens em uma moto Yamaha YBR de cor vermelha os quais tomaram seu celular. Bem antes, na Avenida Leão Sampaio, 897 (Lagoa Seca), um homem tomou a bolsa de uma mulher de 48 anos com dois celulares.


Arte & Diversão

17

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

FRASES FAMOSAS

O esporte dos pontapés e os escritores brasileiros Lima Barreto, Manuel Bandeira e Graciliano Ramos foram alguns dos autores que escreveram contra ou a favor do futebol e da paixão do povo pela seleção brasileira

NATALÍCIO BARROSO Da Redação

A

literatura tem suas especialidades e uma delas é o futebol. Dentre os autores brasileiros que se dedicaram a este tema, um deles foi Nelson Rodrigues. Afinal, é dele aquela frase segundo a qual o coração do brasileiro bate no peito do pé e não no tórax porque, para o autor de “Vestido de Noiva” e “A Mulher Sem Pecado”, o Brasil é o dono do melhor futebol do mundo. Mas nem sempre foi assim. Houve uma época em que o futebol, no Brasil, não era tão conhecido e, por causa disso, desprestigiado. Lima Barreto, por exemplo, definia o futebol como o “esporte dos pontapés” e Graciliano Ramos chamava a atenção dos brasileiros para o fato de que era melhor se preocupar com a luta de faca e de cacete, que

era genuinamente brasileira, do que com o esporte trazido da Inglaterra. Passado 1958, no entanto, quando o Brasil foi campeão do mundo pela primeira vez e Manuel Bandeira admoestou os políticos para não desfazer, com as mãos, aquilo que os craques fizeram com os pés na Suécia, as coisas mudaram. Foi quando surgiu Pelé e, ao lado dele, Garrincha. Chamado “a alegria do povo”, Nelson Rodrigues tinha razão. Para ele, quando Garrincha jogava, a torcida não ia para os estádios do Rio de Janeiro ou São Paulo para ver o seu time, mas o ponta direita do Botafogo. Assim, não era raro torcedores do Flamengo ou do Fluminense aplaudir o Botafogo quando Garrincha pegava na bola e passava por baixo das pernas de seus marcadores. A coisa era tão séria que quem deu

DIVULGAÇÃO

início ao “olé”, no mundo, foi o Garrincha. Jogando no México contra o River Plate, da Argentina, dizem que o Garrincha driblava tanto Vairo, seu marcador, que chegou um momento em que a torcida, acostumada com touradas, começou a gritar “olé” e assim teve início esta prática, tão combatida por alguns treinadores, e tão apreciada pela maioria das pessoas. Sobre o Pelé a lenda é outra. Negro, como seus pais, e com suas origens na distante África, diziam os cronistas que um ho-

mem como Pelé trazia, em sua natureza, algo que só os africanos possuíam: a capacidade de driblar os leões em pleno deserto. Assim, se Pelé era o rei do futebol, isso não era nenhuma vantagem. Afinal, seus avós, quando iam buscar água no deserto e voltavam para casa, em seguida, tinham que driblar dois ou três leões antes para chegar em casa sãos e salvos e sem derrubar uma gota de água. Vinícius de Moraes, impressionado com o Garrincha, escreveu um soneto dedicado ao autor do “olé” no qual descreve as manias do atleta quando trança a bola por baixo dos pés de seus adversários. Publicado em 1962, ano em que a seleção brasileira foi campeã do mundo no Chile

pela segunda vez, o poema é, de fato, uma homenagem ao camisa sete da seleção e do Botafogo. NEM TUDO É POESIA Mas nem tudo é poesia neste universo. Conta João Saldanha em “Subterrâneos do Futebol” que determinado jogador só soube da morte da mulher depois da partida. Considerando que era indispensável para o time, a diretoria decidiu esconder a tragédia. Assim, logo que a partida terminou e os colegas se afastaram dele, a notícia foi transmitida. Revoltado com o que fizeram, principalmente quando soube que a mulher procurou por ele no quarto do hospital, o jogador ameaçou quebrar o clube. A justificativa da

diretoria foi insuficiente. Ela, no entanto, lembrava aquela frase que diz que há gente muito mais fiel ao time, que torce, do que à mulher, que ama. Outra história igualmente prosaica do mundo do futebol é a luta que os negros empreenderam para jogar. Houve time, como o Paulistano, do Jardim Paulista, que preferiram acabar com a equipe a aceitar jogadores negros em seu elenco. Outros, como o Vasco e o América, do Rio, começaram a aceitar negros. Flamengo e Fluminense, no entanto, não aceitavam. Podiam até jogar, mas não participar do clube. Foi quando surgiu a profissionalização do esporte. Os negros eram contratados, recebiam salário, eram aplaudidos nos estádios, mas não tinham acesso aos clubes. A luta foi difícil. A poesia voltou quando os atletas negros se consolidaram como atletas e como membros efetivos de seus respectivos clubes trazendo, para o Brasil, a Copa de 1970, no México, a maior de todos os tempos. Pelo menos até agora.

DOCUMENTÁRIO

Televisão exibe neste sábado “Garrincha, Alegria do Povo”

Gravado no auge da carreira do jogador, 1963, “Garrincha, Alegria do Povo”, de Joaquim Pedro de Andrade, será exibido amanhã, sábado, às 22h30, na TV Brasil

Em tempos de ídolos do futebol como Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo, a TV Brasil resgata grandes atletas do passado que brilharam em Copas do Mundo. Neste sábado (14) às 22h30, a emissora exibe o documentário “Garrincha, Alegria do Povo” que mostra o apogeu da carreira do gênio das pernas tortas na sessão Ciclo de Cinema Futebol. O longa destaca a trajetória do jogador de futebol Manuel Francisco dos Santos, o Mané Garrincha, que conquistou o bicampeonato mundial pela seleção brasileira nas Copas do Mundo de 1958 na Suécia e de 1962 no Chile. O craque se consagrou como atleta no time do Botafogo onde eternizou a camisa sete. Em preto e branco, o filme, dirigido por Joaquim Pedro de Andrade, alterna imagens de Garrincha em ação no Botafogo e na equipe canarinho, com algumas cenas do cotidiano, como a rotina de treinos no clube carioca e a preparação do time para entrar em campo, com aparições dos jogadores da época, como Zagallo, Jairzinho e o goleiro Manga. Acompanhando as imagens,

DIVULGAÇÃO

o narrador Heron Domingues conta história sobre a vida do jogador, como o fato dele morar em uma casa cedida pela indústria de tecidos onde trabalhava em sua terra natal, Pau-Grande, distrito de Magé. Garrincha aparece comprando discos na cidade do Rio e dançando ao som deles com algumas das suas sete filhas. O saudoso craque é descrito como um operário desleixado, que conseguia dormir mesmo com o barulho das máquinas, mas que não era

despedido porque nos finais de semana era o destaque nos jogos do time de futebol da fábrica. A narração enfatiza também a história de que Garrincha só soube que suas pernas eram tortas ao ler sobre isso nos jornais. Com rápidos depoimentos de Garrincha sobre a fama que conquistou, e do médico que descreve a anormalidade no seu joelho, o grande destaque do documentário são as cenas clássicas do atleta em campo, seus dribles desconcertantes e seus belos gols defendendo o Botafogo e a seleção brasileira na Copa do Mundo. O filme “Garrincha, Alegria do Povo” foi o primeiro documentário brasileiro sobre um esportista. O longa conquistou o Prêmio Carlos Alberto Chieza, do Festival de Cortina D’Ampezzo, na Itália em 1963, além dos prêmios Carmen Santos e Governador da Guanabara no mesmo ano. Em 1964, o documentário recebeu Menção Honrosa do Prêmio Governador do Estado de São Paulo.

SERVIÇO

• CICLO DE CINEMA FUTEBOL: GARRINCHA, ALEGRIA DO POVO. Hora: 22h30. Data: 14 de junho (sábado). Emissora: TV Brasil.

www.oestadoce.

com.br


18 OPINIÃO

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

LITERATURA

IGNÁCIO DE LOYOLA BRANDÃO Escritor vem ao Ceará para lançamento da FLAQ

Festa Literária de Aquiraz está confirmada para acontecer no mês de novembro e aposta novamente na relação entre literatura e educação. Serão 20 painéis tratando da relação livros/monumentos

O

escritor Ignácio de Loyola Brandão e a curadora Mona Dorf lançam neste 16 de junho, segunda-feira, às 11 horas, a edição da FLAQ – Festa Literária de Aquiraz 2014 (www.flaq.com.br). Autor homenageado deste ano, Ignácio de Loyola Brandão comemora quatro décadas da publicação de seu romance Zero. Censurado no Brasil, o livro saiu originalmente em uma edição italiana, em 1974. Uma exposição com cerca de 20 painéis tratando dos livros e dos momentos marcantes do autor de Não Verás País Nenhum será aberta no dia 20 de outubro, com pré-estréia na Biblioteca Mario de Andrade, em São Paulo. A FLAQ 2014 acontecerá de 20 a 23 de novembro, no Engenhoca Parque Educativo, tendo como aposta o incentivo e a mobilização da rede pública e particular de ensino da cidade cearense e de outros municípios em torno da literatura. No ano de 2013, a FLAQ recebeu 1,5 mil visitantes em quatro dias de festa, e a expectativa dos organizaO escritor dores é dobrar o Ignácio Loyola público este ano. Brandão será hoUma grande nomenageado vidade para 2014 na edição é a inauguração audiência, indeste ano da FLAQ Infantil, clusive o proum festival paralelo fessor, graças ao dedicado exclusivamente seu comprometimento às crianças e jovens, com com a palavra em sua acepprogramação exclusiva e ção mais ampla. participação de autores consagrados, como Pedro ESCRITORES CONFIRMADOS Bandeira, Socorro Acioli, A lista de escritores conIlan Brenman, entre outros. firmados para o festival A homenagem à Loyola inclui a jornalista Miriam Brandão tem muitas razões, Leitão, que começa a se demas uma delas prende-se ao dicar à ficção, na mesa Do fato de o autor ter uma rela- jornalismo à literatura, ao ção afetiva com o Ceará. Seu lado Sérgio Abranches; sob último livro de crônicas, O o tema Literatura MargiMel de Ocara (Editora Glo- nal, apresentam-se o mexibal), refere-se no título a cano Juan Pablo Villalobos um presente que recebeu de e o brasileiro Ferréz. Pedro uma senhora na cidade ce- Bandeira, Mary Del Priore, arense. A obra acaba de ser Bernardo Kucinsky, Chico indicada ao Prêmio Brasil César, Luciana Savaget, a Telecom 2014, na categoria chilena Carola Saavedra, Contos e Crônicas. entre outros. Escritor consagrado, ícoO compositor e secretáne de gerações por suas rio de Turismo da Paraíideias combativas, Loyo- ba, Chico César, fará uma la Brandão, aos 78 anos, mesa literária sobre racistransita entre uma vasta mo no próprio dia 20 de

DIVULGAÇÃO

novembro, dia da Consciência Negra.“São muitas as surpresas para este ano: está programada a vinda de 16 autores; uma mesa dedicada ao cordel; além de termos decidido homenagear um autor vivo, vamos inaugurar também a FLAQ Infantil, dedicada às crianças, que terá uma programação especialmente formatada para elas, com mesas exclusivas e outras atividades”, afirma Mona Dorf, curadora da FLAQ. Em 2013, a primeira edição da FLAQ contou com o argentino Mempo Giardinelli, um entusiasta da contação de histórias, que abriu a programação repleta de grandes escritores, como os cearenses Ana Miranda, Xico Sá, Ronaldo Correa de Brito, Sidney Rocha e Tercia Montenegro, e os consagrados Luiz Ruffato e Mário Prata.

GRÁTIS • Arraiá no Mercado, atividades infantis e música no fim de semana • Atividades culturais acontecem de quinta a domingo e são gratuitas • O arrasta-pé continua nesse fim de semana no Mercado dos Pinhões com as atrações do Arraiá no Mercado. A animação começa hoje, às 20 horas, com Gildário do Assaré, que dá boas-vindas ao fim de semana. Sábado (14), a programação começa mais cedo, às 19h com o Xote dos Meninos. • O fim de semana é encerrado no domingo (15), também às 19h, quando Madson Andrade e Lasca Coco se apresentam. • Seguindo para o Passeio Público, as tardes dos sábados e domingo são embaladas pelas atrações do Passeio

Instrumental, sempre das 12h30 às 15h30. Neste dia 14, o som será de Brenna Freire e Rebeca Câmara. E no domingo (15), é a vez de Samuel Rocha e Nonato Lima garantirem o bom som. No domingo, pela manhã, a criançada tem lugar cativo na programação, a partir das 9h30, com o Piquenique, que nesse fim de semana recebe Contação de histórias com Tia Sângela. • Também tem espetáculo! Hoje, às 19h30, tem ensaio aberto do espetáculo "Não verás país Nenhum", do grupo "Em Companhia do Camaleão". • E, na Praia de Iracema, a programação do Largo do Mincharia segue com diversas atrações musicais, sempre às 19h30min. Hoje (13), tem Samba Bossa e Maestro Júlio César. E, no sábado (14), a animação fica por conta de Lupe.

FORTALEZA ALTERNATIVA

Sesc realiza apresentação de Dona Zefinha no Mercado Central em homenagem a cordel Amanhã, às 11 horas, o Sesc realiza uma manhã em homenagem à literatura de cordel, no Mercado Central de Fortaleza. Na ocasião, além da distribuição de cordéis, o público confere a apresentação da banda Dona Zefinha, com seu mais novo trabalho, “Ch@furdo”. A programação é gratuita. Na apresentação, Dona Zefinha utiliza-se das artes da palhaçaria, cinema mudo, teatro físico e musicalidade, e mescla declamação de textos poéticos,

com músicas e interação com público. O grupo, que já tem mais de 20 anos de estrada, é composto por Orlângelo Leal, Ângelo Márcio, Paulo Orlando, Joélia Braga, Vanildo Franco e Iranilson de Sousa. A atividade faz parte do projeto Sesc Cordel, desenvolvido pela Unidade Sesc Senac Iracema mensalmente, e tem como objetivo contribuir para a criação, desenvolvimento e revigoramento da literatura de cordel no Ceará.

DIVULGAÇÃO

SERVIÇO Sesc Cordel com Dona Zefinha – “Ch@furdo” Local: Mercado Central de Fortaleza (Avenida Alberto Nepomuceno, 199 – Centro) Data: 14/6 Horário: 11h Entrada: Gratuita Informações: (85) 3252.2215


19

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

GOSPEL

Marquinhos Gomes grava com Péricles

Intitulada “Ele Não Desiste de Você”, a canção mostra o amor incondicional de Deus pelas pessoas e traz estilo moderno

C

onsagrado e considerado um dos maiores nomes da música gospel nacional da atualidade, o cantor e compositor Marquinhos Gomes, grava canção com o amigo e cantor de samba Péricles. Intitulada “Ele Não Desiste de Você”, a canção mostra o amor incondicional de Deus pelas pessoas e traz um estilo moderno, além de

transmitir muita emoção, superação e amor ao próximo, mostrando que Deus nunca desiste das pessoas. Segundo o intérprete, a melodia foi elaborada com muito amor e profissionalismo, dedicado para todas as pessoas, pois cada uma, à sua maneira, enfrenta uma luta diária. “Quando canto ao mesmo tempo em que

adoro a Deus, quero falar ao coração daqueles que saem todas as manhãs para trabalhar e dos que trabalham em casa, lutando e enfrentando tragédias, perdas e sofrimentos muitas vezes insolúveis. Pessoas carentes de Deus, vivendo em cidades violentas, onde é raro encontrar consideração e amor ao próximo”, comenta o cantor.

Vale lembrar que “Ele Não Desiste de Você” é um sucesso que está tocando nas rádios do País e deu origem ao 9º CD e DVD da carreira de Marquinhos Gomes, além de vender mais de 200 mil cópias em menos de um ano. No Facebook, o artista possui mais de 1,5 milhão de curtidas e os fãs ficam sempre ligados em todas as novidades!

“SELMA”

Oprah Winfrey interpretará ativista em filme sobre Martin Luther King A apresentadora de TV americana Oprah Winfrey (foto) fará o papel de uma ativista em um novo filme sobre Martin Luther King, “Selma”, produzido por ela mesma. Oprahy, vencedora de diversos Emmys por seu programa de talk show “The O p r a h Winfrey Show”, já foi indicada

ao Oscar de melhor atriz coadjuvante por seu papel em “A Cor Púrpura” (1985), além de ser homenageada na cerimônia da Academia em 2012 com o prêmio humanitário Jean Hersholt. Segundo o jornal “The Guardian”, o novo projeto focará na luta pelos direitos de voto na cidade Selma, no Alabama, em meados da década de 1960. As manifestações que começaram na cidade, lideradas por Luther King, chegaram à capital do Estado, chamando a atenção do resto dos EUA e influenciando na aprovação, em 1965, do Voting Right Act, decreto proibindo a dis-

criminação de eleitores. O ator David Oyelowo -que já atuou ao lado de Oprah em “O Mordomo da Casa Branca” (2013) - interpretará Luther King no filme. A apresentadora, por sua vez, será Annie Lee Cooper, uma ativista que se destacou por dar um soco no xerife local, quando ele se recusou a registrar seu voto. Também estão escalados para o elenco o Tom Wilkinson (“Conduta de Risco”) como o então presidente Lyndon B Johnson, Tim Roth (“Pulp Fiction”) e Cuba Gooding Jr. (“Homens de Honra”), em papeis ainda não definidos.

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

“BEM BRASIL” Eletrônico perdeu a alma, afirma DJ inglês Fatboy Slim De olho na Copa, o DJ inglês Fatboy Slim, 50, lança agora o disco duplo “Bem Brasil”. Sim, com “s”, para “não soar muito gringo’”, diz ele à reportagem. O álbum reúne remixes de canções brasileiras, divididos em um CD para o dia e outro para a noite. “Sabia que haveria milhares de pessoas interessadas no Brasil, mas sem escutar a música brasileira. A canção oficial da Fifa não é feita por brasileiros, não os representa. É uma imitação”, critica. A indignação é motivada pela proximidade do inglês com o Brasil na última década. Atualmente, é o país em que mais toca. Só em 2013, foram três temporadas aqui. Agora, durante a Copa, animará festas em nove cidades, incluindo municípios do interior como Lorena (SP) e Uberlândia (MG). “Gosto de tocar em lugares

de que nunca ouvi falar. Já estive no Brasil umas 20 vezes e, após a 15ª turnê, você não pode tocar sempre nas mesmas cidades”, diz ele, que atingiu o sucesso mundial nos anos 1990 com hits como “The Rockafeller Skank”. Sua animação, no entanto, diminui ao falar da cena eletrônica atual. “Está comercial demais. É dominada por DJs pop stars voando nos seus jatos particulares. A alma da música se foi”, diz. “Os suecos e os holandeses, provavelmente, são os responsáveis por esse problema”, completa, sem citar nomes. Por meio da empresa Plus Talent, que os representa no Brasil, a reportagem procurou os DJs holandeses Armin van Buuren, Hardwell e Tiësto, e os suecos Avicii e Axwell -principais nomes desses países. Eles não quiseram se pronunciar.

LESÃO NO TORNOZELO

Harrison Ford machuca-se durante as filmagens do sétimo “Star Wars” O astro de Hollywood Harrison Ford, que voltará a interpretar seu personagem Han Solo no sétimo filme da saga “Star Wars” (no Brasil, também conhecida como “Guerra nas Estrelas”), machucou-se durante as filmagens do longa na Inglaterra. As informações são da revista americana “Variety”. De acordo com o que a Disney, estúdio responsável pelos filmes, informou à publicação, Ford foi hospitalizado depois de sofrer uma lesão no tornozelo durante as filmagens na última quarta-feira (11). O ator de 71 anos estava no es-

túdio britânico de Pinewood quando uma porta hidráulica caiu e acabou por atingi-lo. Embora haja suspeita de que ele tenha fraturado o tornozelo, a informação não foi confirmada. “Ele foi levado a um hospital local e está recebendo tratamento”, disse a Disney em nota. “Star Wars - Episódio 7” é dirigido por J. J. Abrams (criador da série “Lost”) e traz outros astros da trilogia original, como Mark Hamill (Luke Skywalker) e Carrie Fisher (princesa Leia), além de caras novas, como a vencedora do Oscar Lupita Nyong’o e Adam Driver.


20

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

OPINIÃO

POLÍTICA

NACIONAL

MUNDO

ESPORTES

ÚLTIMAS

ECONOMIA

CIDADE

CEARÁ

VARIEDADES

ARTE & DIVERSÃO

ENTREVISTA

Paulo Diógenes celebra 26 anos de carreira O humorista conversou com o jornal O Estado e falou sobre seu trabalho como vereador na defesa dos gays e ajuda aos dependentes químicos

FELIPE MUNIZ PALHANO Da Redação

E

le poderia ter sido um bancário, e ninguém conheceria a escrachada Raimundinha, aquela personagem mais famosa. Paulo Diógenes continua humorista, mas agora gasta mais tempo exercendo sua função de vereador de Fortaleza, e além de continuar a carreira de ator de 26 anos, permanece com seu trabalho social, ajudando dependentes químicos, e lutando pelo fim do preconceito contra gays, lésbicas, LGBT’s. Paulo Diógenes vive seu momento romântico também: se casou com Tarcísio Rocha, acabou de realizar o primeiro casamento coletivo LGBT, com apoio da Prefeitura, e planeja seu retorno aos palcos. O humorista respondeu as perguntas de Felipe Palhano, do Jornal O Estado, e falou sobre o início da carreira, as dificuldades na política e seus próximos projetos. O ESTADO | Hoje você é um humorista consagrado, e vereador eleito nas últimas eleições em Fortaleza. Mas muita gente não conhece como foi o seu início de carreira. Como iniciou sua vida na comédia? Teve muitos outros trabalhos antes de se descobrir humorista? São quantos anos de carreira? PAULO DIÓGENES | Antes de descobrir a Raimundinha, eu trabalhei durante alguns anos no antigo BEC (Bando do Estado do Ceará). Mas eu sentia que algo não estava totalmente certo. Era muito inquieto para trabalhar em um escritório. Então, um belo dia eu resolvi largar essa vida e investir no meu lado artístico. Pouco depois, em 1979, se não me falha a memória, eu já ensaiava algumas peças teatrais. Só em 1986 eu comecei com o humor, em bares de Fortaleza. Foi quando os primeiros traços da Raimundinha começaram a surgir. Esse ano (2014) estou completando 26 anos de carreira. O E. | Como surgiu a Raimundinha, sua personagem mais famosa? Você acha que o exagero, o escracho, foram as marcas de humoristas da sua geração no Ceará? P. D. | Foi numa peça de teatro em que eu vivia uma mãe, ainda sem nome, que queria fazer da

filha crente uma “striper” que a personalidade da Raimundinha me surgiu. Essa mulher sem nome foi o embrião da Raimundinha. Daí em diante foi um processo de amadurecimento. Foram cerca de 10 anos até chegar ao que ela é hoje: essa figura exagerada, emergente que usa tudo de uma vez só para mostrar que tem, sem perder nunca o jeito suburbano. Sem dúvidas esse humor escrachado marcou a nossa geração e se mantém até hoje como uma marca genuinamente cearense. É difícil encontrar humoristas nessa mesma vertente fora do Ceará. O E. | Você já fez vários programas de TV e teve alguns programas semanais na TV Diário, inclusive, recentemente, teve uma temporada de um programa novo passando. Quais as maiores dificuldades e diferenças em fazer humor na TV e ao vivo, no teatro? Já sonhou em ter programa em alguma rede nacional? P. D. | O grande diferencial da TV é que o trabalho todo é muito coletivo. Eu dependo do câmera, do iluminador, do produtor, de toda uma equipe pra poder iniciar e concluir um trabalho. Vivi isso durante a temporada de dois anos que passei na Record, onde tive um quadro fixo no programa “Tudo É Possível”, com a Ana Hickmann. A equipe era enorme, o que não é comum nas TVs de locais (de Fortaleza). Quando se faz teatro o trabalho depende muito mais de você mesmo, apesar de sempre haver uma equipe por trás. Sobre querer ter um programa só meu, nunca pensei nisso. Os convites para as participações a TV eram constantes e eu me concentrava num projeto de cada vez. O E. | Você também sempre apoiou e incentivou o surgimento de novos humoristas e comediantes no Ceará. Quais os artistas consagrados que você admira, e quais comediantes da nova geração você gosta? P. D. | Acredito que a ideia de que há espaço para todo mundo em qualquer área. No humor não é diferente. Quem tem talento vai se destacar uma hora ou outra. Admiro o trabalho do grande Chico Anysio, que tornou nosso humor famoso em todo o país e abriu portas para nossos talentos. Sobre os humoristas da nova geração, muitos se destacam nas mais diferentes vertentes do huDIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Hoje, Diógenes é um humorista consagrado, sendo a Raimundinha, uma das personagens mais famosas mor. Não conseguiria citar todos sem cometer injustiças. Mas nosso Ceará continua revelando grandes talentos. O E. | Por que você decidiu entrar na política? Como foi o convite ou seu interesse de disputar as eleições para vereador? P. D. | Eu cresci numa família de forte atuação política. Meu pai, Osmar Diógenes, já foi deputado e até hoje é muito atuante no cenário cearense. Apesar disso eu nunca tive o menor interesse de ingressar na área. O convite para me candidatar surgiu em 2012, por parte da presidência do PSD (Partido Social Democrático). Na época, além das apresentações da Raimundinha, eu administrava uma instituição para recuperação de dependentes químicos num município perto de Fortaleza. Foi a possibilidade de poder fazer algo mais para ajudar pessoas nessa condição de dependência química que me convenceu a sair candidato a Vereador de Fortaleza. Apostei nesse caminho e graças a Deus obtive êxito e hoje batalho fortemente por essa bandeira na Câmara Municipal. O E. | O que é mais estressante ou difícil: a vida política ou a vida de artista? Quais as maiores surpresas que você teve quando assumiu seu cargo de vereador de Fortaleza? P. D. | As duas áreas possuem suas especificidades. Eu acredito que quando se faz uma coisa com amor não há maiores dificuldade.

Eu acredito que a adoção é um ato de amor

O E. | Quais os projetos que você defende na Câmara de Vereadores, quais você acha mais importantes, quais você pensa ser mais fácil ser aprovado? Mesmo com pou-

co tempo de carreira política, pensa em se candidatar a algum cargo no Executivo, de prefeito, por exemplo? P. D. | Desde o início do mandato, em 2013, eu venho trabalhando fortemente para representar duas bandeiras: a dos dependentes químicos e a da comunidade LGBT. Venho me esforçando para conseguir aprovar projetos que promovam o enfrentamento às drogas através de três importantes pilares: prevenção ao uso, tratamento e reinserção social. Pela comunidade LGBT, entrei com requerimento para realizar o primeiro casamento civil homoafetivo coletivo da cidade, que contou com a participação de 30 casais. Não vejo essa diferença entre mais ou menos importante. Eu tento trabalhar com projetos que façam diferença de verdade para a cidade e para a população. Sobre me candidatar a outro cargo, não penso nisso agora. Adoto uma filosofia de viver um dia de cada vez sem projetar um futuro muito distante. Já houveram convites, mas por enquanto prefiro me concentrar no mandato de vereador. O E. | Você já demonstrou sua posição sexual em diversas entrevistas, inclusive já fez uma festa de casamento para celebrar sua união com o atual companheiro. Para o Paulo Diógenes cidadão, os gays conquistaram muito espaço e liberdade nesses últimos anos? Por qual motivo? Ou ainda existe uma luta grande contra o preconceito e a homofobia: O que pode ser feito na sua opinião? P. D. | Sim, muito espaço foi conquistado. Ser gay há 20 anos atrás era muito mais difícil, o preconceito era ainda maior. A

medida em que a comunidade LGBT foi se tornando social e politicamente visível, as pessoas passaram a ver com outros olhos. Hoje é possível encontrar gays, lésbicas, bissexuais, transexuais em todos os setores da sociedade. O estranhamento diminuiu, mas o preconceito não. Ainda há muito para se conquistar. Acredito que a educação é a solução para formar pessoas com um caráter mais humano, que respeitam a diversidade existente na nossa sociedade. Preconceito é isso, é a falta de informação. O E. | E em relação à adoção de crianças por casais gays? O que pensa sobre o assunto? P. D. | Com tantas crianças em abrigos e orfanatos esperando por uma família, essa questão nem deveria ser questionada. Eu acredito que a adoção é um ato de amor, e se casais homoafetivos se propõem a adotar uma criança como filho, como parte da família, isso deve ser louvado. Não deveria importar o formato da família, mas sim o que essa família pode oferecer a uma criança. Se nesse novo lar houver segurança, amor e boa educação, ali será um bom lugar para uma criança viver. O E. | Quais os próximos projetos de Paulo Diógenes artista em 2014? Pretende estrear com Raimundinha e seus outros personagens engraçados no cinema quando? Algum novo espetáculo previsto? P. D. | Por enquanto, a Raimundinha vai continuar desfrutando as férias delas. Como eu costumo falar, ela me sustentou durante todos esses anos. Agora é hora de eu sustentá-la por um tempinho. Eu estou realmente focado no mandato de vereador.


Esportes

21

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

LINHA DO TEMPO 20MIN Paulinho chuta firme 6MIN Cabeçada perigosa

21MIN Oscar chuta no ângulo

29MIN Gol de Neymar

20MIN Contra-ataque brasileiro e falta

25MIN Gol de Neymar (P)

31MIN Cabeçada de David Luiz

10MIN Gol contra de Marcelo

EMOÇÕES EM DIA HISTÓRICO

Adrenalina, gol contra e virada: 3 a 1 Brasil

Numa quinta-feira histórica e cheia de emoções antes mesmo do início do jogo, Marcelo faz, contra, o primeiro gol da Copa, mas Neymar, Oscar e um erro do juiz dão a vitória na estreia BRASIL

45MIN Gol de Oscar

3X1

TARIK OTOCH

tarik@oestadoce.com.br

B

om dia, leitor. Tudo bem? Não vou compartilhar com você mais uma reportagem, mas o relato de um momento histórico para o futebol e o esporte brasileiro – e a vida de qualquer repórter esportivo. Tão grande foi a tarde-noite de ontem que não caberia numa simples matéria. Enquanto assistia ao jogo – assim como você, em frente à televisão – percebi, desde o início, que não poderia fazer um texto burocrático, habitual. Precisava traduzir o tamanho daquilo tudo, que nunca será esquecido neste País. Zapeava pelos canais para vivenciar, ao máximo,

CROACIA

a estreia brasileira, e o que via eram rostos incrédulos nas arquibancadas e vozes tensas de emoção dos colegas jornalistas. Como você, estava muito ansioso pela estreia. A Copa do Mundo, a Copa do Mundo de 2014, já começava no Brasil. E, com ela, coisas que nunca tinha visto antes de a bola rolar: jogadores chorando ainda no túnel de acesso ao gramado, o público ‘travado’ com a ansiedade estampada no rosto e até os narradores sensibilizados quando os times ainda entravam em campo. Os atletas, um com a mão no ombro do outro, em fila indiana, davam o tom do que testemunharíamos em instantes. O tão aguardado hino nacional à ca-

pela viria depois do canto croata. E a arquibancada amarela emocionou de novo. Como é bom lembrar que a ‘tradição’ começou naquele Brasil 2 x 0 México, em Fortaleza. À capela, como um mantra, a torcida paulista cantou o hino até o fim e levou jogadores como Júlio Cesar e Thiago Silva às lágrimas. Estavam todos preparados para dar a vida em uma guerra. Era o que parecia. Antes do pontapé inicial, com os times alinhados no perímetro do grande círculo, três crianças – uma menina, um jovem índio e outro garoto – soltaram pombas brancas em sinal de paz. A euforia da expectativa foi tão grande, turbinada depois da cerimônia de aber-

...começa o jogo! Em campo, o natural nervosismo dos brasileiros fez lembrar o mal que acometeu os ginastas no Pan de 2007, no Rio de Janeiro. Pilhados, nossos atletas pareciam pernas de pau chutando batatas quentes. A Croácia começou bem melhor e assustou duas vezes (confira nos melhores momentos) antes de abrir o placar, aos 10 minutos, em gol contra de Marcelo num lance de azar. “Eu estava fechando na cobertura e o atacante bateu errado na bola e, quando fui ver, ela já tinha batido no meu pé esquerdo”, descreveu o lateral esquerdo. Pela primeira vez na história, uma Copa do Mundo começou com gol contra. E, pela primeira vez

nesta segunda passagem, Felipão via o seu time sair atrás em um jogo oficial – amistosos à parte. O nervosismo deixava o Brasil mal posicionado e com defesa exposta para a Croácia explorar nos contra-ataques. No ataque, abusava de cruzamentos forçados. O time ficaria assim até os 20 minutos. A iluminação do Itaquerão chegou a cair parcialmente e retornou minutos depois. Foi aí, aos 21, que a Seleção desencantou. O primeiro lance de perigo foi, também, o mais bonito de todo o jogo. Dani Alves lançou Neymar na direita, ele driblou Rakitić, invadiu a área e cruzou rasteiro. A zaga tirou e, de primeira, Oscar acertou um chutaço, cruzado, obrigando o goleiro Pletikosa a fazer bela ponte,

mandando para escanteio. O empate viria aos 29, com Neymar, em chute rasteiro de longe, em que a bola ainda bateu na trave antes de entrar. Mas, com a Croácia encolhida e o nervosismo impedindo uma troca de passes maior, a Seleção os lançamentos de David Luiz e Thiago Silva eram as melhores opções. Já perto dos 40, o time passou a marcar pressão e melhorou substancialmente. Foi para os vestiários bem melhor que a rival e os números comprovavam: 27 a 12 em ataques perigosos, 10 a 3 em finalizações (7 a 1 no alvo), 64% de posse de bola, 251 a 95 em passes completos e somente uma falta brasileira, contra oito da Croácia.

TÉCNICO CROATA CHAMA PÊNALTI DE RIDÍCULO E FALA EM CIRCO

O técnico da Croácia, Niko Kovac (foto), disse que já estava preocupado com a arbitragem do jogo contra o Brasil pelo fato de enfrentar o anfitrião da Copa do Mundo. O croata chamou de “ridículo” o pênalti marcado por Yuichi Nishimura em Fred e ainda reclamou de uma falta cometida por Oscar antes de marcar o gol. “Quando você está jogando em algum lugar, lógico que o anfitrião tem alguma vantagem. Mas as regras têm que ser iguais para todos. A regra

da Fifa fala em respeito. Sou o primeiro a dizer isso, porque fomos os primeiros a enfrentar o Brasil, mas se continuar assim isso vai virar um circo”, disse Kovac. Ele perguntou aos jornalistas presentes se alguém que acreditasse que foi pênalti que levantasse a mão e ninguém o fez. Kovac elogiou sua equipe, dizendo que foram dois anos trabalhando para estar na estreia da Copa e que a Croácia não merecia sair do Itaquerão com a derrota.

tura, que o resultado de Brasil x Croácia quase ficou em segundo plano. Não, mentira. Seria impossível. Mas, por um instante, foi o que pareceu.

Com dois gols e boa atuação, Neymar só não foi melhor porque levou cartão amarelo bobo

Apito decide vitória brasileira O Brasil começou o segundo tempo com a mesma formação, mas utilizaria as três substituições até o apito final. Felipão trocou Paulinho por Hernanes (18min), Hulk por Bernard (23min) e Neymar, muito aplaudidos, por Ramires (43min). O time começou bem melhor, rondando a área da Croácia pela direita, com os

jogadores próximos um do outro. Mas a pressão inicial durou 7 minutos e, então, a Croácia melhorou. Os europeus conseguiram finalizar mais de uma vez, mas sem levar perigo real ao gol de Júlio César. Foi aí que um erro da arbitragem decidiu o jogo. Aos 24 minutos, Oscar cruzou rasteiro, Fred recebeu no pivô, perto da pequena área, e se jogou. Yuichi Nishimura caiu na dele, marcou o pênalti e deu amarelo para Lovren. Na cobrança, Neymar bateu mal, mas o goleiro espalmou para dentro do gol: 2 a 1 Brasil. A Seleção melhorou nos minutos seguintes à virada, mas deixou o final do jogo para a Croácia. Os visitantes eram mais perigosos, enquanto o Brasil parecia esperar o fim do jogo. A pressão croata foi dos 38 até os 45 minutos, quando Ramires ganhou no tranco e Oscar coroou a brilhante exibição com um bonito gol, num bico de fora da área. “Deu câimbra nas duas pernas e a única opção foi dar de bico”, explicou. Foi somente com o 3 a 1 que o torcedor se acalmou, já pensando no México, terça-feira, em Fortaleza.

Oscar dividiu com Neymar o protagonismo do jogo e coroou exibição com gol

A PARTIDA PERSONAGENS OSCAR, NEYMAR E MUITO A MELHORAR As jovens referências de 22 anos da seleção brasileira foram os grandes nomes do time e autores dos três gols brasileiros. Neymar assumiu a condição de astro, fez dois gols e buscou o jogo. Apesar da enorme bobeira do cartão amarelo, driblou, tentou jogadas mais criativas e fez dois gols. Já Oscar, mesmo sofrendo com o nervosismo do time, mostrou iniciativa, partiu para cima dos oponentes, criou boas jogadas, lançou bolas importantes, abriu espaços e participou diretamente de dois gols. Além de tudo, foi muito combativo no meio. Por outro lado, há muito o que melhorar para o jogo de terça-feira. Daniel Alves deu muito espaço na ala, inclusive foi no seu buraco que nasceu o gol da Croácia, quando tentava pressionar o goleiro. A defesa, das mais celebradas do mundo, esteve muito exposta durante todo o jogo e Marcelo também n ã o ajudou ofensivamente. Já Fred e Paulinho foram completamente ausentes. O primeiro, porque a bola não chegava e o volante, porque esteve perdido diante da retranca.

MELHORES MOMENTOS 1o TEMPO • 6min - Perisic cruzou da direita para cabeçada de Olic, que tirou tinta da trave • 10min - Gol contra de Marcelo: 0 a 1. Daniel Alves marcou pressão e, na saída de bola, a Croácia atacou pelo seu lado. Após cruzamento rasteiro, Jelavic furou e Marcelo, vendido, só tocou pra dentro. • 20min - Paulinho recebeu na entrada da área, infiltrou e chutou firme, mas nas mãos do goleiro, que espalmou. • 21min - lindo lance. Dani Alves lançou Neymar na direita, ele driblou Rakitic, invadiu a área e cruzou rasteiro. A zaga tirou e, de primeira, Oscar acertou um chutaço, cruzado, obrigando o goleiro a fazer bela ponte, mandando para escanteio. • 29min - Gol de Neymar: 1 a 1. Oscar brigou e ganhou a bola no meio-campo. Neymar pegou a sobra, chutou rasteiro e cruzado de fora e ainda viu a bola bater na trave antes de entrar. 2o TEMPO • 20min - Hulk ganhou a bola na lateral e chutou deitado. Neymar aproveitou roubou a bola no ataque e ganhou o contra-ataque. Tentou o passe para Fred, mas foi derrubado. • 25min - Gol de Neymar: 2 a 1. Oscar cruzou rasteiro, Fred recebeu no pivô, perto da pequena área e se jogou. Pênalti. Neymar não cobrou bem, à meia-altura, no seu canto esquerdo. O goleiro ainda espalmou, mas para dentro do gol. • 31min - Após trama de Neymar e Bernard, Oscar limpou a jogada na direita e cruzou para o segundo pau. David Luiz alcançou a bola, mas não a ponto de cabecear bem e mandou para o alto. • 45min - Gol de Oscar: 3 a 1. Depois de levar um calor de quase 10 minutos da Croácia, Brasil saiu na base do chutão, Ramires ganhou no tranco, no meio-campo, e a bola sobrou para Oscar. O meia encarou a marcação de dois e, na entrada da área, antecipou o chute num biquinho.


22

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

ESPANHA E HOLANDA JÁ VALE MUITO

Roja x Laranja Agora, seleções estão frente a frente na estreia e querem largar com o pé direito para fugir do Brasil. Xavi diz que espanhóis seguirão no mesmo estilo, enquanto holandeses buscam outro final

E

VENENO COMO ANTÍDOTO? Visando ao confronto com a Espanha, a Holanda fez um treino de reconhecimento do gramado da Fonte Nova e o técnico Louis van Gaal comandou o último treino antes da partida. Curiosamente, no trabalho tático voltado para a posse de bola, os holandeses lembraram o estilo da seleção rival nesta sexta: o popular tiki-taka. O principal momento do treino foi um trabalho de posse de bola e troca de passes rápidos, justamente as principais características da seleção espanhola. Seria uma forma de enfrentar os campeões mundiais utilizando sua tática? Não importa, o treinador só quer a vitória. “O jogo põe frente a frente os mesmos adversários, mas brigaremos por um resultado diferente”, explicou Van Gaal.

Xavi descarta abandonar o ‘tiki-taka’: “Vamos ganhar ou morrer com esse estilo de jogo”

ESCALACOES ,

spanha e Holanda foram as protagonistas da Copa do Mundo da África do Sul, em 2010, quando decidiram o torneio e a Espanha conquistou o seu primeiro título após gol de Iniesta na prorrogação. Agora, os dois gigantes do futebol voltarão a medir forças já na estreia neste Mundial e em Salvador, logo mais às 16h, enfrentando todo o calor da capital baiana para garantir um bom resultado e largar na frente no Grupo B – que ainda tem Chile e Austrália jogando às 18h, em Cuiabá. Além de tudo, um primeiro lugar na chave os tira do caminho do Brasil, já que as chaves se cruzam nas oitavas de final. A seleção espanhola, comandada por Vicente Del Bosque, que levou o time ibérico à conquista de 2010, já está preparada para o reencontro. E, para falar em nome da detentora do título, ninguém melhor que Xavi Hernández. Segundo ele, o time está pronto para competir, com a forma de jogo que o notabilizou nas últimas competições: mantendo a posse de bola e trocando passes à exaustão. “Sabemos que vamos ganhar ou morrer com esse estilo de jogo. Queremos a oportunidade de repetir a história”. Segundo Xavi, os jogadores estão plenamente adaptados a essa filosofia. Ele espera uma partida dura, contra uma Holanda que contra-ataca bem. Mas lembra que o futuro da Espanha pertence ao grupo de jogadores. “Com humildade, temos de nos mostrar fortes e ir o mais longe

possível para defender o título, o que não será fácil”. Dos times que se enfrentaram no Soccer City, em Joanesburgo, nada menos que 23 atletas participaram da final. Da Roja, Casillas, Reina, Albiol, Sergio Ramos, Piqué, Busquests, Xabi Alonso, Javi Martínez, Xavi, Iniesta, David Silva, Fàbregas, Juan Mata, Pedro, David Villa e Fernando Torres. Pela Laranja, Vorn, De Jong, Sneijder, Robben, Van Persie, Kuyt e Huntelaar. Mas, apesar de boa parte dos jogadores serem os mesmos, o goleiro Casillas, titular absoluto da meta da Roja, entende que um novo capítulo será escrito logo mais. “São partidas diferentes. Agora, começar mal implicará numa tensão muito grande. Viemos para ganhar todas as partidas, e o primeiro rival que está na nossa frente é a Holanda”, explicou o arqueiro.

-

X

MICHAEL PROBST/AP PHOTO

ESPANHA Casillas; Azpilicueta, Sergio Ramos, Piqué e Jordi Alba; Busquets, Xabi Alonso e Xavi; Iniesta, Pedro e Diego Costa (Fábregas). Técnico: Vicente Del Bosque

HOLANDA Cillessen; Janmaat, Vlaar, De Vrij e Indi; Blind, De Jong, Clasie e Sneijder; Robben e Van Persie Técnico: Louis van Gaal

-

FICHA TECNICA Fonte Nova, em Salvador (SP) 13 de Junho de 2014 16h (hora de Brasília)

ÁRBITRO Nicola Rizzoli (ITÁLIA)

ASSISTENTES Renato Faverani (ITA) Andrea Stefani (ITA)

ESPANHA: Atual campeã HOLANDA: 3 vezes vice-campeã

ASTROS E RIVAIS Espanha: Xavi (BAR) Holanda: Robben (BAY)

Chile tem que provar seu valor contra a Austrália

ESCALACOES ,

Dono de um futebol ofensivo e apontado como possível surpresa na Copa do Mundo, o Chile enfrenta a Austrália logo mais, às 19h, na Arena Pantanal, em Cuiabá. O duelo é válido pelo Grupo B, de onde sairão os adversários da chave do Brasil na próxima fase. Com Espanha e Holanda, finalistas da última Copa, o grupo é considerado um dos mais difíceis do torneio, ao lado do G, que tem Alemanha, Portugal, Estados Unidos e Gana. Em partidas oficiais, os chilenos nunca perderam para os australianos: foram três vitórias e um empate. Comandada pelo argentino Jorge Sampaoli, discípulo do argentino Marcelo “El Loco” Bielsa, a equipe ficou em

AUSTRÁLIA Com poucas chances no grupo, a Austrália costuma sofrer na mão das grandes equipes. No ano passado, chegou a tomar 12 gols em dois jogos. Perdeu duas vezes por 6 a 0: para o Brasil, em setembro, e para a França, em outubro. O vexame derrubou o técnico alemão Holger Osieck, responsável por conduzir a equipe nas Eliminatórias. No seu lugar, assumiu o greco-australiano Ange Postecoglu. Sob seu comando, o time australiano tem uma vitória, um empate e duas derrotas: venceu a Costa Rica por 1 a 0, empatou com a África do Sul em 1 a 1, e perdeu para o Equador, por 4 a 3, e para a Croácia por 1 a 0. Com muita força física, o time aposta nas jogadas aéreas. O destaque é o atacante Tim Cahil, que já defendeu o Everton, da Inglaterra.

-

X

3º lugar nas Eliminatórias e já mostrou que pode surpreender também as grandes seleções. Em amistosos do ano passado, empatou em 2 a 2 com a Espanha e venceu a Inglaterra por 2 a 0, em pleno Wembley. Nas últimas seis partidas, venceu quatro e perdeu duas. Além da Inglaterra, superou a Costa Rica por 4 a 0, o Egito por 3 a 2, e a Irlanda do Norte por 2 a 0. Perdeu para o Brasil, por 2 a 1, e para a Alemanha, por 1 a 0, dando muito trabalho para os europeus. Estrela do time, o atacante Alexis Sánchez, do Barcelona, joga ao lado de conhecidos da torcida brasileira, como Valdivia, do Palmeiras, Aránguiz, do Internacional, Mena, do Santos, Vargas (ex-Grêmio) e Pinilla (ex-Vasco). Outro destaque, o volante Vidal, da Juventus, passou por uma cirurgia no joelho direito em maio e é dúvida para o jogo.

AFP

CHILE Bravo; Isla, Medel, González e Mena; Carmona, Díaz, Aruinguiz e Valdívia; Vargas e Alexis Sánchez. Técnico: Jorge Sampaoli.

AUSTRÁLIA Ryan; Franjic, Wilkinson, Spiranovic, Davidson; Jedinak, Milligan; Leckie, Bresciano, Oar; Cahill. Técnico: Ange Postecoglu

Estádio: Arena Pantanal, em Cuiabá - Horário: 19h - Árbitro: Noumandiez Doue (Costa do Marfim)


23

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

3X1

CROACIA

,

APÓS ESTREIA

BRASIL

Felipão destaca Oscar, Hulk e torcida em coletiva CHRISTOPHER LEE/GETTY IMAGES

Luiz Felipe Scolari valorizou atuação da torcida paulistana na estreia da seleção brasileira no Mundial, especialmente após o gol contra

Treinador exalta meia, diz que atacante foi um ‘leão’ por jogar no sacrifício e revela importância fundamental da torcida paulista na superação ao gol contra no início do jogo

O

técnico Luiz Felipe Scolari negou, durante entrevista coletiva, que tenha pensado em deixar Oscar como reserva na estreia do Brasil contra a Croácia e elogiou o meio-campista, que marcou o último gol da vitória brasileira por 3 a 1. “Aqui não tinha discussão nenhuma. Nosso escalte mostra que o Oscar foi o que mais roubou bolas e mais criou pelo lado direito. Deu dribles e jogadas, foi espetacular. De um dia para outro, ele não ia desaprender, apenas precisava de que eu acreditasse. A dúvida foi de vocês [imprensa] e ele é esse jogador que se mos-

trou hoje”, comentou o treinador. “O Oscar é um menino que todo o pai gostaria de ter como filho. Ele é bom. Quando a gente vê, ele nem fala. Ele não quis falar de ninguém. Antes do jogo eu falei que ele estava devendo um gol e depois ele falou que já pagou a dívida”, concluiu. Sobre Hulk, que não foi tão bem contra os croatas, Felipão revelou que o atleta jogou no sacrifício. “O Hulk já veio ao jogo com uma dificuldade física maior, desde os treinamentos. Tem que aplaudir, ele foi um leão”, analisou. O próprio atleta confessou, na saída

para os vestiários, que não estava em sua melhor condição. “Estou com um pouco de dor (muscular) ainda, mas faz parte do jogo. Tenho uns dias para descansar para estar bem para o próximo jogo. Nada preocupante, agora é dar uma descansada legal e vou estar melhor ainda no próximo”, explicou o camisa 7. A TORCIDA FOI FANTÁSTICA Com problemas declarados com a torcida de São Paulo, principalmente após o amistoso contra a Sérvia, na sexta-feira da semana passada, Scolari parece ter sido

México x Camarões em Natal

-

,

México e Camarões estreiam na Copa do Mundo logo mais, às 13h, na Arena das Dunas, em Natal. Classificadas apenas na repescagem das Eliminatórias, as duas seleções trilharam um caminho bem difícil até carimbarem o passaporte para o Mundial e tentam, agora, espantar todas as justificadas dúvidas. As duas formações também vivem uma relação conturbada com os dirigentes de suas associações. Os mexicanos foram treinados por quatro técnicos diferentes desde 2013. Já os camaroneses embarcaram para o Brasil apenas depois de resolver uma disputa relativa ao bônus pago aos jogadores. Por outro lado, nos últimos amistosos antes da competição, os mexicanos perderam para Portugal e Bósnia, 1 a 0, nos dois jogos, mas jogaram muito bem contra Portugal. Já os camaroneses conseguiram um empate de 2 a 2 com a Alemanha e uma vitória de 1 a 0 sobre a Moldávia. O confronto de hoje, válido pelo Grupo A, o mesmo do Brasil, também irá marcar o reencontro de dois veteranos e ex-companheiros de Bar-

CLASSIFICACAO GRUPO A FOTO AFP

X

contagiado pelo apoio das arquibancadas e resolveu pregar a paz entre as partes. “Foi maravilhoso, fantástico, inacreditável o apoio recebido pela Seleção, diferente de tudo o que as pessoas podiam imaginar. Nunca mais vocês vão dizer que São Paulo não ajuda a Seleção”, disse o treinador. “O peso de não ter sentido o gol partiu da torcida. Não assimilamos [a surpresa], mas a torcida fez com que assimilássemos”, opinou Felipão, que elogiou a reação pelo fato de o time ser jovem, “com a pressão que existe” em casa. “Nossos jogadores foram excelentes”, completou.

1o 2o 3o 4o

Brasil Camarões México Croácia

PG 3 0 0 0

V 1 0 0 0

D 0 0 0 1

E SG GP GC % 0 2 3 1 100% 0 0 0 0 0% 0 0 0 0 0% 0 -2 1 3 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

PG 0 0 0 0

V 0 0 0 0

D 0 0 0 0

E SG GP GC 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

% 0% 0% 0% 0%

GRUPO B 1o 2o 3o 4o

Austrália Chile Espanha Holanda

GRUPO C 1 2o 3o 4o o

Colômbia Costa do Marfim Grécia Japão

GRUPO D

Veterano Rafa Márquez é um dos vários conhecidos do México, candidato à segunda força do grupo, concorrendo com a Croácia celona: Rafa Márquez, de 35 anos, zagueiro do Leon-MEX, e Samuel Eto’o, que está com 33 anos, e que deve deixar o Chelsea. Astros de suas seleções, eles terão a missão de liderar suas equipes. Apesar das dificuldades, o México tem qualidade, especialmente no ataque. A equipe terá na frente o atacante Oribe Peralta, carrasco do Brasil na final dos Jogos Olímpicos de 2012. No lado de Camarões, o ponto forte é o entrosamento, com destaque para o meia Makou, do Rennes-FRA. Ele marcou

dois gols na vitória de 4 a 1 sobre a Tunísia, em novembro do ano passado, garantindo a vaga de Camarões na Copa. O jogador, porém, é dúvida para o jogo, e em seu lugar deve começar Mbia, do Sevilla-ESP. Já a estrela do time mexicano, o atacante Javier “Chicharito” Hernandez, que defende as cores do Manchester United, ficará apenas no banco de reservas, posição que pode surpreender a muita gente. Na entrevista coletiva realizada na tarde de ontem, o técnico Miguel Herrera disse

que gostou da “química” da dupla de ataque Giovanni dos Santos e Peralta. O treinador ainda fez questão de destacar o espírito de entrega dos atletas durante a preparação. “Todo treinamento me deixa mais calmo e conhecendo ainda mais cada jogador. Eu sei que cada jogador vai deixar em campo até a última gota de suor e o último suspiro para fazer os nossos torcedores orgulhosos”, explicou o comandante do adversário do Brasil no duelo aqui em Fortaleza.

-

,

ESCALACOES MÉXICO Ochoa; Paul Aguilar, Moreno, Rafa Márquez, Maza Rodríguez e Layún; Vasquez, Herrera e Guardado; Giovani dos Santos e Oribe Peralta. Técnico: Miguel Herrera

CAMARÕES Itandje; Djegoué, N’koulou, Matip e Bedimo; Song, Enoh e Mbia (Makoun); Moukandjo, Eto’o e Choupo-Moting. Técnico: Volker Finke

Estádio: Arena das Dunas, em Natal - Horario: 13h - Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia) - Assistentes: Humberto Clavijo (COL) e Eduardo Diaz (COL)

1 2o 3o 4o o

Costa Rica Inglaterra Itália Uruguai

GRUPO E 1o 2o 3o 4o

Equador França Honduras Suíça

GRUPO F 1o 2o 3o 4o

Argentina Bósnia Irã Nigéria

GRUPO G 1o 2o 3o 4o

Alemanha Estados Unidos Gana Portugal

GRUPO H 1 2o 3o 4o o

Argélia Bélgica Coréia do Sul Rússia


24

FORTALEZA - CEARÁ - BRASIL Sexta-feira, 13 de junho de 2014

Foram precisas 504 horas de preparação e 84 horas de ensaios, além de dois meses e meio para a composição da trilha sonora da cerimônia de abertura

JEFFERSON BERNARDES / VIPCOMM

À BRASILEIRA

Cores e extravagância marcam cerimônia

Estico carnavalesco, cores vivas e apresentação de trio pop empolgaram o público, que só lotou o estádio no fim da festa de abertura da Copa do Mundo

C

elebrando toda a diversidade cultural do Brasil em cerca de 25 minutos, a cerimônia de abertura da Copa do Mundo empolgou e inaugurou o Mundial em alto estilo. Mesmo com o tempo curto e sem o investimento de uma festa olímpica, a apresentação aqueceu os corações brasileiros com apresentações de dançarinos, crianças, batuque e muita música boa. Grandes astros da festa, Claudia Leitte, Jennifer Lopez e Pitbull encerraram com chave de ouro, cantando a música oficial da competi-

ção, “We Are One (Ole Ola)”. Sob direção da belga Daphne Cornez, a cerimônia

contou com 660 artistas e um total de ‘apenas’ 1.200 pessoas envolvidas. Com muito verde, o início prestou homenagens às riquezas naturais do País, enquanto, nas arquibancadas, o público ainda chegava e muitos espaços vazios existiam. No centro do campo onde a bola rolaria para Brasil x Croácia, uma grande videoinstalação de LED no centro do campo, em formato de bola, foi a reJEFFERSON BERNARDES / VIPCOMM

Videoinstalação, representações naturais e culturais do Brasil foram os grandes destaques

ferência narrativa da apresentação e exibia imagens de cada ato. O primeiro ato revelou as maravilhas da natureza, em tons verde, marrom e azul. Em sequência, o povo brasileiro entrou em cena, com os vários ritmos do país representando as culturas de norte a sul. O Nordeste foi presente marcante na abertura da Copa, com seus ritmos como forró, frevo e xaxado, além das rodas de capoeira – que já haviam empolgado, dias antes, a seleção da Inglaterra. Teve, também, gaúchos em suas bombachas típicas, rodas de samba e muita música popular brasileira, sempre em alto astral. TERCEIRO ATO Aí, foi a vez do futebol tomar o seu campo. O terceiro ato começou com árbitros dando cartões vermelhos expulsando os artistas e trouxe muitas crianças, bo-

COPA DO MUNDO FIFA 2014

3 1

JEFFERSON BERNARDES / VIPCOMM

Claudia Leitte, Jennifer Lopez e Pitbull agitaram os mais de 60 mil torcedores las e representações dos 32 países que participam da competição. Sempre com muito batuque e um clima carnavalesco, a parte final transformou a instalação no centro do campo em um palco. A bola desabrochou como uma flor de maracujá e transformando-se no local onde Claudia Leitte surgiu cantando “Aquarela do Bra-

sil”, ao som de Olodum. No entanto, logo a música deu lugar à canção oficial “We Are One (Ole Ola)”. Os internacionais, Jennifer Lopez e Pitbull, emergiram debaixo do palco e fizeram a festa do público, junto com a brasileira. Na vista aérea, o campo de jogo parecia uma praia, com barraquinhas e sombrinhas.


Edição 22276 - 13 de junho de 2014