Page 1

DIVULGAÇÃO

PETISTAS

Vereadores realizam reunião de olho nas eleições Frente Parlamentar da região buscará novos apoios à précandidatura de Lindbergh pág. 3 WWW.ODEBATEON.COM.BR • MACAÉ (RJ), SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013 • ANO XXXVII • Nº 8045 • FUNDADOR/DIRETOR: OSCAR PIRES • O JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO DO MUNICÍPIO • R$ 1,00

Forte chuva ainda causa transtornos na cidade

KANÁ MANHÃES

Na Nova Esperança, moradores da comunidade sofrem com os alagamentos dentro das casas

O

mau tempo que tem feito na cidade nos últimos dias tem gerado transtornos em todo o município. No final da tarde da última quarta-feira (27), as fortes chuvas que caíram causaram vários pontos de alagamentos. Locais como Campo d'Oeste, Visconde de Araújo e Sol y Mar ficaram debaixo

d'água. Por conta disso, alguns pontos também registraram congestionamento, principalmente na região central. Um dos pontos mais críticos é a região da Nova Esperança. Quando chove, ruas alagam e a água invade as casas, trazendo prejuízos e obrigando os moradores a abandonar os seus lares. pág. 2

Comércio divulga horário na Páscoa

Macaenses devem ficar atentos ao abre e fecha do comércio neste período festivo pág. 6

Moradora conta que toda vez que chove, água, junto com esgoto, invade sua casa e fica acumulada durante dias

FISCALIZAÇÃO

KANÁ MANHÃES

Uma viatura da PM está na porta do Mercado de Peixe, dando segurança aos consumidores e coibindo a prática de ações criminosas

Ontem teve estreia da encenação da Paixão de Cristo Com o espetáculo “O Drama da Salvação”, a encenação da Paixão de Cristo durante as festividades da Semana Santa está de volta com várias novidades esse ano. O texto respeita os preceitos bíblicos e pre-

tende emocionar a plateia com as últimas mensagens da vida de Jesus. Com entrada gratuita, o espetáculo começou ontem (28) e segue até domingo (31), às 20h30, no Parque da Cidade. pág. 8 WANDERLEY GIL

Polícia Militar de olho na compra do pescado

Consumidores devem comprar somente em bancas autorizadas. Militares estarão durante todo o feriado em frente ao Mercado de Peixe Municipal pág. 5

Tribuna Cidadã é inaugurada Na última sessão da Câmara de Vereadores de Macaé, realizada na quartafeira (27), foi inaugurada a Tribuna Cidadã. O espaço democrático foi ocupado por André Coelho do movimento "Deixa o Sol Entrar" que ressaltou a importância de redução do gabarito na construção de novos prédios e do espaçamento na Praia do Pecado. A Tribuna Cidadã foi realizada antes da sessão do Legislativo. pág. 3

WANDERLEY GIL

Cederj divulga edital para isenção da taxa de inscrição a fundação centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do Rio de Janeiro - Fundação Cecierj / Consórcio Cederj, vinculada a Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia está com inscrições abertas para requerimento de isenção do pagamento da taxa de inscrição do Concurso Vestibular 2013/2, e pré-inscrição no sistema de cotas. pág.7

POLÍCIA

Três jovens são presos com pedras de crack dando continuidade às ações da “Operação Páscoa Segura”, policiais do 32º Batalhão de Polícia Militar, prenderam na tarde desta quarta-feira (27), três jovens na Favela da Linha,

em Macaé. De acordo com informações do Serviço Reservado da PM (P2), Daniel Silva de Oliveira, 19 anos e mais dois rapazes, de 15 e 17 anos, correram ao avistar a viatura. pág. 5

COTAÇÃO

TEMPO

Dólar C. Dólar V.

R$ 2,0195 R$ 2,0210

Máxima. Mínima.

28º C 20º C


2

MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Cidade

NOTA

Mulheres geram renda extra com confecção de ovos de Páscoa

CHUVA

Mau tempo ainda causa transtornos em vários pontos da cidade

KANÁ MANHÃES

Moradora conta que toda vez que chove, água, junto com esgoto, invade sua casa e fica acumulada durante dias

Na Nova Esperança, moradores sofrem com os alagamentos dentro das casas Marianna Fontes marifontes@odebateon.com.br

O

mau tempo que tem feito na cidade nos últimos dias tem gerado transtornos em todo o município. No final da tarde da última quarta-feira (27), as fortes chuvas que caíram causaram vários pontos de alagamentos. Locais como Campo d'Oeste, Visconde de Araújo e Sol y Mar ficaram debaixo d'água. Por conta disso, alguns pontos também registraram congestionamento, principalmente na região central. Um dos pontos mais críticos é a região da Nova Esperança, toda vez que chove a situação fica complicada. Apesar de parte da comunidade ter sido contemplada com as obras do PAC 1 (Programa de Aceleração do Crescimento), o que trouxe algumas melhorias, as áreas que deveriam receber o PAC 2 ainda sofrem enquanto as obras não começam. A situação da comunidade é sempre a mesma. Quando chove, ruas alagam e a água invade as casas, trazendo prejuízos e obrigando os moradores a abandonar os seus lares. Por conta

das chuvas que vêm atingindo a cidade nos últimos dias, a população teme que a situação só piore ainda mais caso o tempo não melhore nas próximas horas. Moradora da Rua Caetano Campos, Elisene Henrique conta que toda vez que chove o transtorno é sempre o mesmo. Para piorar, sua casa não foi ligada à rede e o esgoto transborda dentro do seu terreno, se misturando com a água das chuvas. “Já perdi as contas de quantas vezes minha família e eu passamos por isso. Já saímos de casa duas vezes desde que me mudei para cá, pois a situação ficou crítica demais. Quando peço ajuda às autoridades, eles falam que eu preciso aterrar o espaço, já que a casa ficou abaixo do nível da rua asfaltada, e que elas não podem fazer nada por mim. Falam para eu sair da casa, mas vou sair daqui e ir para onde? Com que dinheiro? Estou pagando essa casa ainda, tudo financiado e com muito esforço. Falaram para eu demolir a casa, aterrar e construir outra na parte da frente do terreno. Quando se tem dinheiro é fácil falar. Moro aqui com mais seis pessoas, sendo duas crianças e

um bebê de dois meses. Essa situação, além de transtornos e prejuízos, está causando problemas de saúde. Eu estou com uma alergia há um bom tempo que está acabando com a minha pele. Acredito que seja por causa do esgoto que está em todo terreno. Está feia a situação”, relata a moradora. O morador Vando Emanuel, sugere que as autoridades ajudem os moradores em áreas mais críticas com a doação de materiais de construção para amenizar o problema. “A urbanização, sem dúvida, melhorou a vida de muitos moradores, porém as casas abaixo do nível da rua ainda sofrem com os alagamentos. Queríamos sugerir a eles que abracem a ideia de criar um material social, pois tem muito terreno abandonado alagando, situação que acaba prejudicando quem mora perto. Aqui ninguém quer aluguel social. Isso chegou em um ponto muito crítico. A população pede que seja feito algo urgentemente para evitar que mais famílias continuem perdendo seus pertences, móveis e tendo que sair de casa por conta disso”, ressalta.

Moradores de áreas críticas devem tomar cuidados a previsão do tempo para Macaé nos próximos dias ainda é de chuva. Para essa sexta-feira (29), a máxima não deve ultrapassar os 28ºC e a mínima deve ficar em torno dos 20ºC. O dia será de sol com períodos de nublado, podendo chover a qualquer hora. Já no sábado (30) e domingo (31), a previsão é de sol e aumento de nuvens na parte da manhã, podendo acontecer pancadas de chuva à tarde e à noite. A população que mora próximo a áreas de riscos de alagamento ou deslizamento deve manter a atenção redobrada. A prevenção é fundamental para evitar tragédias em caso de acidentes. Alguns sinais podem indicar que o imóvel corre riscos de desabamento. Em casos de rachadura nos pisos ou paredes,

estalos ou postes e árvores inclinados, recomenda-se que a pessoa saia da casa imediatamente e acione a Defesa Civil. Um exemplo disso é a casa da moradora do Novo Horizonte, Lúcia, que, segundo ela, está com a casa condenada. Ela falou que sempre que chove a casa de baixo fica alagada. Já a casa da filha, que fica no cômodo em cima, corre o risco de desabar. “Estou com medo de que caia, pois meus netos vivem ali. Na parte baixa quando chove alaga até o quarto degrau da escada, entra água dentro da minha casa. O terreno nos fundos alaga e isso está acabando com as casas. Quando chove, são 24 horas de horror”, conta. Casos como o de Dona Lúcia servem para alertar as pessoas que

vivem nessa situação a acionar imediatamente os órgãos competentes, a fim de evitar tragédias. Os locais alagados também exigem uma atenção redobrada. Evite de entrar nesses locais e não deixe as crianças brincando nesses pontos. Em locais alagados é recomendado que se desligue a rede elétrica. Mantenha distância de árvores com riscos de cair. Não consuma água que não seja fervida ou filtrada. Em caso de emergência, a população deve ligar para os números: 199 ou 2757-4046. O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) também segue com o monitoramento dos recursos hídricos do município. No rio Macaé, o órgão segue em estado de Atenção. Já no rio São Pedro, que corta o distrito de Glicério, o Inea segue em alerta máximo.


MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Política

3

NOTA

Danilo Funke (PT) tem abraçado diversos projetos que visam auxiliar a população de Macaé

UNIÃO

Petistas realizam reunião de olho nas eleições em 2014 Frente Parlamentar de vereadores da região buscará novos apoios à pré-candidatura de Lindbergh

E

m reunião realizada na cidade de Macaé nesta quarta-feira (27), um grupo político regional formado por vereadores e ex-vereadores do Partido dos Trabalhadores se reuniu para a construção de uma frente parlamentar de apoio à candidatura do senador Lindbergh Farias (PT) ao governo do estado do Rio de Janeiro. Os parlamentares organizarão diversas agendas políticas em toda região buscando conversar com vereadores sobre a importância de uma candidatura própria do PT nas eleições de 2014. Estiveram presentes os vereadores de Macaé, Igor Sardinha, Maxwell Vaz, Luciano Diniz e Guto Garcia, Juninho (Carapebus), Marcão (Campos dos Goytacazes) e as ex-vereadoras Fátima Pacheco (Quissamã) e Odisséia (Campos dos Goytacazes). A proposta da criação de uma frente parlamentar suprapartidária surgiu com o objetivo de aproximar outros parlamentares e líderes políticos do projeto petista de candidatura própria. Segundo Fátima Pacheco, o senador Lindbergh tem total condição de se tornar governador do estado. “O senador já demonstrou a sua força em 2012 quando saiu dos 3% e chegou a mais de 4 milhões de voto. Superou, inclusive, a máquina pesada do PMDB e venceu as eleições em primeiro lugar. Isso demonstra o quanto o povo do Rio de Janeiro tem um respeito e um carinho pelo seu trabalho”, disse. O vereador Igor Sardinha, líder do PT na Câmara Municipal

DIVULGAÇÃO

Estiveram presentes os vereadores de Macaé, Igor Sardinha, Maxwell Vaz, Luciano Diniz e Guto Garcia, Juninho (Carapebus), Marcão (Campos dos Goytacazes) e as exvereadoras Fátima Pacheco (Quissamã) e Odisséia (Campos dos Goytacazes)

de Macaé, reforçou que acredita que a frente parlamentar ganhará força na região, inclusive pelo papel atuante que o senador vem fazendo junto aos municípios da região. “Lindbergh vem atuando de forma constante em nossa região. Veja no caso de nossa cidade, onde é o nosso parceiro em lutas essenciais defendidas também pelo nosso mandato, como a duplicação da BR 101, a ampliação do Ae-

roporto de Macaé e a manutenção das verbas dos royalties. O povo reconhece quem trabalha e o senador é incansável nessas lutas”, declarou Igor. Os vereadores Maxwell Vaz, Odisséia e Marcão falaram um pouco sobre a experiência vivida com o senador na Caravana da Cidadania realizada pelo diretório estadual do PT na Região Noroeste do estado. “Foi uma experiência ótima e

um momento ímpar de diálogo do senador com a população. Ao término, todos ficavam esperando para falar com ele, expor suas opiniões e Lindbergh atendeu a todos. Esse é o papel de um representante político competente e que tem a sensibilidade necessária para pleitear a vaga de governador”, ressaltou Maxwell. Membros da maior bancada do PT em um município do

estado, os vereadores Luciano Diniz e Guto Garcia ressaltaram a importância de demonstrar à população que tentarão de toda forma desqualificar o pleito do senador, mas que a força da militância será mais forte. “Iremos às ruas pedir voto para o senador e quando a militância petista demonstrar o modo petista de governar, vai fazer toda a diferença!”, disse Luciano Liniz. Já o vereador Juninho de

Carapebus relembrou que na mesma data o ex-presidente Lula declarou que ninguém pode tirar o direito de Lindbergh concorrer nas próximas eleições. “Muitos boatos são criados e a declaração do expresidente Lula demonstra a solidez da relação do senador com o PT. Nós teremos candidato e debateremos propostas para o estado do Rio de Janeiro”, disse.

DEMOCRACIA

LITERATURA

Tribuna Cidadã é inaugurada na Câmara

Biblioteca para a Câmara é defendida por vereador

O espaço democrático foi ocupado por André Coelho do movimento "Deixa o Sol Entrar"

Todos os documentos devem ser catalogados por ser importante avançar nessas questões, ligadas a preservação da memória macaense

na última sessão da Câmara de Vereadores de Macaé, foi inaugurada a Tribuna Cidadã. O espaço democrático foi ocupado por André Coelho, do movimento "Deixa o Sol Entrar", que ressaltou a importância de redução do gabarito na construção de novos prédios e do espaçamento na Praia do Pecado. A Tribuna Cidadã foi realizada antes da sessão do Legislativo. Durante essa sessão, esti-

veram presentes os vereadores Maxwell Vaz (PT), Igor Sardinha (PT), Jocimar Boca (PMDB), Luciano Diniz (PT), George Jardim (PMDB) e Paulo Antunes (PMDB). No período da tribuna, os pedidos do movimento “Deixa o Sol Entrar”, representado por André Coelho, foram registrados pelos parlamentares para que sejam encaminhados ao executivo. “Essa questão do gabarito dos prédios na Praia do Pecado é bastante pertinente e devemos, sim, dar uma atenção especial a essa questão. Foi ótimo ter sido inaugurado esse espaço democrático aqui

na Câmara. Espero que a população abrace essa ideia para que possamos estar juntos da sociedade macaense e fazer dessa cidade um lugar cada vez melhor para se viver”, afirmou o vereador e vice-presidente da Câmara, Maxwell Vaz (PT). Ao final da tribuna, outros vereadores chegaram à Casa Legislativa e lamentaram ter perdido esse espaço da população. Porém, a forte chuva que caiu no município e alguns compromissos anteriores foram a motivação principal para que os vereadores não pudessem estar todos durante a Tribuna Cidadã. DIVULGAÇÃO

André Coelho, que participou da tribuna agradeceu a oportunidade e elogiou a criação do projeto

na sessão legislativa realizada da última quarta-feira (27), foi aprovado o requerimento do vereador Marcel Silvano (PT) que pede a criação de uma biblioteca no âmbito da Câmara Municipal de Macaé, guarnecendo-a, em especial, com exemplares dos instrumentos normativos expedidos pelo Poder Público Municipal, capazes de subsidiar os necessários processos de compilação, catalogação, armazenamento e ampla divulgação desses instrumentos. “Essa matéria foi apresentada justamente no dia do marco do acidente da P-36, quando deixei para essa casa um exemplar do livro que estava sendo lançado no SindipetroNF. No dia fui surpreendido com a notícia de que a Câmara não possuía uma biblioteca”, disse. Segundo o vereador, é importante tentar avançar nessas questões, uma vez que o município tem muita coisa na história política da região e muito disso está catalogado e escrito. “É uma boa tentativa que deve contar com a participação da sociedade, das universidades, por meio da doação de livros. Espero que essa experiência contribua para o avanço do nosso trabalho aqui na casa”, explica. Para o vereador e vice-presidente da Câmara, Maxwell Vaz (PT), após a transferência dos trabalhos para o novo prédio, o atual será transformado em um local destinado à me-

mória macaense. “Aqui será transformado em um local que será tipo um museu. Neste prédio estarão guardadas as memórias da cidade. Com isso, acredito que esse requerimento do vereador Marcel, será uma grande complementação a essa memória, bem como uma forma de resguardar a literatura na cidade”, afirmou. Durante a sessão, também foi aprovada por unanimidade a indicação do vereador Marcel que solicita a manifestação do Poder Executivo Municipal no sentido de permitir que os motoristas, cobradores e demais colaboradores das concessionárias de transporte público de Macaé uti-

lizem bermudas e camisas de mangas curtas no período de verão. “Embora não possamos legislar sobre as determinações de uma iniciativa privada, podemos pegar bons exemplos de outros municípios que avançaram mais nesse tema. Por isso, propomos a flexibilização dos uniformes destes trabalhadores durante o verão, pois eles trabalham sob um regime de estresse muito grande, por vezes acumulando funções e isto seria o início do debate para a melhoria da condição de trabalho destes profissionais, trazendo um maior conforto durante sua jornada de trabalho”, finalizou.


4

MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Opinião EDITORIAL

NOTA

ETE Mutum funciona com eficiência superior a 90% no início da operação

FOTO LEGENDA

Mudança passo a passo

WANDERLEY GIL

Macaé vive, em todos os sentidos, o início de uma nova era, o que exige, ainda mais do novo gestor da cidade, assim como dos seus ajudantes na administração da cidade, uma responsabilidade ainda maior: a de tirar o município do atraso social e político e prepará-lo para um futuro ainda mais próspero economicamente.

M

acaé vive atualmente o esgotamento de ciclos que não competem mais à sua realidade. Apesar da força avassaladora do poder econômico, que modificou por completo a rotina da cidade, o município ainda não foi capaz de completar a metamorfose de transformação da Princesinha do Atlântico em Capital Nacional do Petróleo. A desigualdade social, os efeitos catastróficos do inchaço populacional no trânsito, no transporte público, na produção de lixo, no consumo da água, na geração de esgoto, o déficit habitacional e o principal, a perda da identidade de um município criado pelas mãos dos pescadores, agricultores, ferroviários, comerciantes e, atualmente, os petroleiros, são os exemplos claros do abismo criado entre o reconhecimento financeiro da alcunha de cidade do petróleo, e a verdadeira realidade de uma cidade moderna, produtiva, capaz de extrair petróleo a sete quilômetros nas profundezas do mar. Mesmo parecendo retórica, poucos foram capazes de apresentar projetos e ações que coloquem Macaé nos trilhos. Propostas para alcançar esse objetivo foram feitas, porém, o que faltou, foi o sonho, o desafio, o objetivo

de proporcionar à cidade os efeitos positivos das suas riquezas. Ao viver a sensação de esperança renovada, o município sente a possibilidade de viver em uma cidade próspera, sustentável e igualitária. Como a própria história do município demonstra, nenhum gestor conseguirá alcançar o desenvolvimento sozinho. Porém, ao que parece, existem pessoas capazes de contribuir para que a Capital Nacional do Petróleo passe a escrever um novo capítulo em sua trajetória de sucesso. Maus exemplos fazem parte desse processo conduzido pelo imperialismo político, pelo interesse de grupos e de minorias. Falhas de gestão foram suficientes para enterrar e deixar comunidades dominadas pelo crime organizado, pelas mazelas geradas pela falta de acesso aos serviços básicos, milhares de pessoas dispostas a contribuir com a evolução da cidade, famílias que buscam na esperança uma oportunidade de garantir uma nova realidade. Saneamento básico, saúde e educação serão as premissas de uma nova era para Macaé. Novos passos serão dados para conduzir o município a um novo momento.

ESPAÇO ABERTO Exemplo da autoridade do serviço Acompanhei com muita apreensão as informações sobre o conclave que definiu o novo líder da Igreja Católica. As notícias do Papa Francisco se espalham pelo mundo a fora com muita esperança e ensinamentos.

P

equenos sinais apresentados pela postura do jesuíta chamam às reflexões profundas na relação autoridade e sociedade. Dom Claudio Hummes, cardeal brasileiro, estava ao lado do colega Dom Jorge Mário Bergoglio. E, instantes depois do argentino ser eleito Papa, o colega do país vizinho, arcebispo emérito de São Paulo fez um pedido: não se esqueça dos pobres. Daí, segundo o próprio Papa, surgiu a denominação Francisco. São Francisco de Assis, poeta e que fora considerado “louco” por ter sido um jovem que optou abrir mão dos títulos de autoridade para ser o menor dentre os menores. Quis ser igual. Cuidar do outro e do ambiente. Para ser o maior, é necessário, primeiro ser o menor. Ninguém nasce grande e sabendo. Tudo é aprendizado, tudo é conquista, tudo é humildade. Quem nasce pronto não consegue tornar-se igual, jamais. Para ser igual, é irrefutável ser pequeno. Quando há, em especial, nos que ocupam cargos de importância social, política, eleitoral, a vontade de ser maior sem ter sido pequeno, é o anúncio do desastre. É impressionante como as sociedades modernas, ditas democráticas imputaram na lógica do poder a superioridade absoluta e a infalibilidade. Nada é absoluto, a não ser o que nunca será desvendado. Mas, mesmo assim, passeia entre a fé e a dúvida. Os desafios lançados para um novo tempo, uma nova ordem, e uma humanidade renovada passam por uma reforma

profunda de consciências. Especialmente sobre ocupantes de espaços de decisão, o desafio é ser igual aos iguais. E, de maneira ousada, ser menor, sempre que possível. É um exercício de novas práticas. Tempo de virar a pirâmide, construir novas relações. É melhor uma autoridade disposta a servir, a bater na porta, a pedir licença, a fazer cadastros, entrar na fila e pagar a conta. O serviço é um bem disponível a todos. Eleitos ou não. Os eleitos foram acolhidos e escolhidos para servirem a todos com autoridade daqueles que cuidam e querem o bem. O acesso, o abraço, o diálogo e a sede de justiça e de mudança do mundo precisam nortear as cabeças e os corações de quem pode decidir o presente e o futuro de nossa cidade, estado, país ou planeta. Quem é igual anda ao lado, que é maior precisa ter muito cuidado para não pisar no que está abaixo de seu campo de visão. Na política, e no poder, o olhar pode ser de baixo para cima, para sermos todos iguais. Para que um dia, o teimoso sonho de igualdade, de respeito, de tolerância e de justiça possa chegar, é preciso líderes dispostos a seguir exemplos de autoridades que fizeram a fundamental opção de descer do palácio e pisar no chão. Caso contrário, no caminho continuará a guerra, o desrespeito e o não direito. E, que Dom Cláudio Hummes sempre nos faça o convite “nunca se esqueça dos pobres”. Marcel Silvano - Jornalista

Para quem aprecia as belezas naturais e reconhece a importância do recurso hídrico, é triste ver a tarja vermelha que ainda indica que o nível de balneabilidade da Lagoa de Imboassica segue impróprio para o banho. A inércia do poder público ao longo dos últimos anos e o inconsequente processo de despejo in natura de esgoto, impedem hoje que a população possa desfrutar de um dos mais belos cartões portais da Capital Nacional do Petróleo

PAINEL Falecimento

A família do empresário Paulo Emilio Azevedo amanheceu de luto ontem (28), com o falecimento do filho mais novo Otávio (Tavinho) Ele tinha 33 anos e foi vitimado por um enfarte por volta das duas horas da madrugada. Vizinhos e até um médico tentaram socorrê-lo mas, em vão. O corpo será cremado hoje, sexta-feira, às 14 horas no Cemitério Nossa Senhora do Carmo, no Caju. (Rio). A família recebe condolências dos parentes e amigos.

Negativo

Mais um ponto negativo para a mudança de horário das sessões ordinárias da Câmara de Vereadores. Quem optou por assistir a reunião, na última terça-feira (26), através da internet, enfrentou problemas. Por duas vezes, a transmissão foi interrompida, prejudicando os discursos dos vereadores Julinho do Aeroporto (PPL), Igor Sardinha (PT), Luciano Diniz e Paulo Antunes (PMDB).

Cras

O Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Parque Aeroporto presta diversos serviços a pais de família, crianças e adolescentes de seis a 15 anos, idosos e jovens. São 963 famílias cadastradas nesse centro, localizado na Rua Francisco Pires. Desta forma, o Cras Aeroporto vem trabalhando para promover o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.

Qualificação

Água

Páscoa

Vice-prefeito

Escolha

Peixes

O processo de pacificação nas comunidades carentes em Macaé vai além de garantir segurança nas áreas de vulnerabilidade social e é, principalmente, uma questão de qualidade de vida assegurada pela prefeitura para que todas as pessoas tenham garantido seus direitos de cidadania. Deste modo, jovens moradores nas áreas pacificadas vão passar a receber cursos de capacitação profissional pelo município. Com o objetivo de capacitar a mulher macaense, oferecer a oportunidade de geração de renda, além de aumentar sua autoestima, a Prefeitura de Macaé promoveu a oficina de confecção de ovos de Páscoa, no Espaço Mulher Cidadã Erosita França Leclerc. O curso teve como foco atender às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar, além de auxiliar essas mulheres com um meio de gerar renda extra. Falando em disputa eleitoral de 2014, Macaé possui a necessidade real de ter representantes legítimos na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e na Câmara dos Deputados. Pautas simples, como a questão da implantação de um núcleo da Coordenadoria Regional de Educação, não foram mantidas como prioridades pelos parlamentares que buscaram voto na cidade e depois sumiram.

EXPEDIENTE EJORAN - Editora de Jornais, Revistas e agências de Notícias. cnpj: 29699.626/0001-10 - Registrado na forma de lei. diretor responsável: Oscar Pires. sede própria: Rua Benedito Peixoto, 90 - Centro - Macaé - RJ. Confeccionado pelo Sistema de Editoração AICS e CTP (Computer to Plate). Impresso pelo Sistema Offset. circulação: Macaé, Quissamã, Conceição de Macabu, Carapebus, Rio das Ostras, Campos dos Goytacazes e Casimiro de Abreu. A direção do O DEBATE não se responsabiliza e nem endossa os conceitos emitidos por seus colaboradores em ações ou artigos assinados, sendo de total responsabilidade do autor. Filiado à ADJORI-RJ - Associação dos Diretores de Jornais do Estado do Rio de Janeiro e à ABRAJORI - Associação Brasileira de Jornais do Interior. ANJ - Agência Nacional de Jornais. ADI Brasil - Associação dos Jornais Diários do Interior. Representante: ESSIÊ PUBLICIDADE E COMUNICAÇÃO S/C LTDA. são paulo: R. Abílio Soares, 227/8º andar - Conjunto 81 - CEP: 04005-000 Telefone: (11) 3057-2547 e Fax: (11) 3887-0071 • rio de janeiro: Av. Princesa Isabel, 323 - sala 608 - CEP: 22011-901 - Telefone: (21) 2275-4141 • brasília: SCS Ed. Maristela, sala 610 / DF - CEP: 70308-900 - Telefone: (61) 3034-1745 (61) 3036-8293.

A falta d'água ainda afeta alguns bairros e comunidades da cidade. O problema está relacionado a dificuldade de distribuição do líquido captado de forma abundante nas adutoras administradas pela Nova Cedae. Apesar da vazão ser alta, os problemas identificados na rede, em trechos obsoletos, acabam gerando transtornos a moradores de áreas mais afastadas, como sempre defende os vereadores Julinho e Amaro Luiz. Danilo Funke (PT), vice-prefeito de Macaé, lembrando os tempos em que ainda atuava como vereador do município, prestigiou a sessão da Câmara realizada na última quarta-feira (27). As atuações de Danilo foram lembradas por vereadores de mandato, como Marcel Silvano (PT). Agora no executivo, o vice-prefeito tem abraçado projetos que visam o crescimento do município e dependem de articulação política. Nesta Semana Santa, as vendas no Mercado de Peixes de Macaé estão seguindo a tradição. Muitos macaenses já compraram o pescado que será servido em suas casas. Porém, quem for servir os frutos do mar, poderá comprar também no sábado. Com a grande procura, os mais de 10 mil macaenses que vivem direta ou indiretamente da pesca agradecem esse momento que vai até domingo de Páscoa.

GUIA DO LEITOR JORNAL O DEBATE tel/fax: (22) 2106-6060 acesse: http://www.odebateon.com.br/ e-mail: odebate@odebateon.com.br comercial: Ligue (22) 2106-6060 - Ramal: 219/220 e-mail: comercial@odebateon.com.br classificados: E-mail: classificados@odebateon.com.br

TELEFONES ÚTEIS: POLÍCIA MILITAR: POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL: SAMU - SERV. AS. MED. URGÊNCIA: CORPO DE BOMBEIROS: DEFESA CIVIL: POLÍCIA CIVIL - 123ª DP: DISQUE-DENÚNCIA (POLÍCIA MILITAR): DELEGACIA DE POLÍCIA FEDERAL (24 HORAS): DEL. DE POL. FEDERAL (DISQUE DENÚNCIA): DEL. DE POL. FEDERAL (PASSAPORTE/VISTO): DISQUE-DENÚNCIA (CÂMARA DE MACAÉ): HOSPITAL PÚBLICO MUNICIPAL: AMPLA: CEDAE: PREFEITURA MUNICIPAL: DELEGACIA DA MULHER: GUARDA MUNICIPAL: ILUMINAÇÃO PÚBLICA: AEROPORTO DE MACAÉ: CARTÓRIO ELEITORAL 109ª ZONA: CARTÓRIO ELEITORAL 254ª ZONA: CORREIOS - SEDE: AG CORREIOS CENTRO: TELEGRAMA FONADO: SEDEX: CEG RIO: RADIO TAXI MACAÉ

190 191 192 193 199 2791-4019 2791-5379 2762-0820 2759-1312 2759-0698 2772-7262 2773-0061 0800-28-00-120 2772-5090 2791-9008 2772-0620 2773-0440 0800-72-77-173 2772-0950 2772-9214 2772-2256 2759-2405 2762-7527 0800-5700100 2762-6438 0800-28-20-205 27726058


MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Polícia

NOTA

Guardas e agentes garantem segurança na Semana Santa

PÁSCOA

KANÁ MANHÃES

Uma viatura da PM está na porta do Mercado de Peixes, dando segurança aos consumidores e coibindo a prática de ações criminosas

FAVELA DA LINHA

Três jovens são presos com pedras de crack De acordo com a polícia, dois deles seriam menores de idade dando continuidade às ações da “Operação Páscoa Segura”, policiais do 32º Batalhão de Polícia Militar, prenderam, na tarde desta quartafeira (27), três jovens na Favela da Linha, em Macaé. De acordo com informações do Serviço Reservado da PM (P2), Daniel Silva de Oliveira, 19 anos e mais dois rapazes,

de 15 e 17 anos, correram ao avistar a viatura. Os militares desceram do veículo e conseguiram capturar o grupo, encontrando com eles um pote de vidro contendo catorze pedras de crack. Os três jovens foram conduzidos para a 123ª Delegacia Civil de Macaé. Daniel por ser maior de idade, ficou preso e responderá por tráfico de entorpecentes. Já os outros dois menores, foram encaminhados ao CRIAM, instituição que cuida de menores infratores. KANÁ MANHÃES

Polícia Militar de olho na compra do pescado Consumidores devem comprar somente em bancas autorizadas. Militares estarão durante todo o feriado em frente ao Mercado de Peixes Municipal Bertha Muniz berthamuniz@odebateon.com.br

U

ma operação para fiscalizar a venda do pescado foi montada pelo 32º Batalhão de Polícia Militar, em Macaé. O objetivo, além de garantir que o consumidor saia satisfeito de suas compras é dar segurança aos turistas e macaenses que irão transitar pelo Mercado Municipal de Peixes, durante este feriado de Páscoa. Como a maioria das pessoas costuma ir até o local munidas de dinheiro em espécie, o Mercado de Peixes torna-se alvo de assaltos nesta época do ano. Por este motivo, a Polícia Militar colocou uma viatura na porta do local, dando segurança aos consumidores e coibindo a

prática de ações criminosas. Cerca de 10 policiais estarão na ação que se estenderá até o próximo domingo (31), sempre das 8 às 17 horas. De acordo com o comandante do 32º BPM, tenente-coronel Ramiro Campos, há também crimes envolvendo a venda do pescado. “Recebemos denúncias de consumidores que compraram o peixe na banca e ao chegar em casa viram que havia placas de chumbo dentro. Algumas pessoas de má fé fazem isso para que o pescado pese mais, ganhando dinheiro em cima do consumidor que acha que comprando do lado de fora do mercado estão lucrando”, disse. A dica do comandante Ramiro Campos aos consumidores é comprar somente nas

5

bancas autorizadas, que ficam dentro do mercado. “Aquelas pessoas que vendem nas caixas ao lado de fora cobram de 4 a 10 reais a menos. Mas o barato pode sair caro. Além disso, não se sabe as condições de higiene do alimento, pois não há frigorífico”, explica. Ainda assim, o consumidor que se sentir lesado pode pro-

curar a PM e reclamar, caso perceba algo de errado em sua compra. “Os policiais estarão orientando as pessoas do lado de fora. Caso alguém se sinta lesado, a minha orientação é que procurem a viatura e denunciem a pessoa que vendeu, para que ela possa ser encaminhada até a 123ª DP”, ressaltou o comandante.

Prefeitura apoia ação Ramiro Campos fez questão de ressaltar o apoio da Prefeitura de Macaé, em relação à logística do efetivo da Polícia Militar. “Recebemos do órgão doações de alimentos como

sucos, biscoitos, água mineral e iogurtes. Este suporte mostra a preocupação não só com nossos policiais, como também com a segurança da população”, acrescentou.

Os três jovens foram conduzidos para a 123ª Delegacia Civil de Macaé

COLISÃO

Acidente entre ônibus e caminhão deixa trânsito lento Batida ocorreu na manhã desta quintafeira (28). Ninguém se feriu um acidente envolvendo um caminhão e um ônibus que faz a linha T-12 (Terminal Cehab), deixou o trânsito lento no Centro da cidade na manhã desta sexta-feira (28). A colisão ocorreu por voltas das 9h da manhã, entre as ruas Antero Perligeiro e Velho

Campos. Com o impacto da batida, o vidro do para-brisa do coletivo se quebrou. Ninguém ficou ferido. O fluxo de veículos teve que ser desviado por cerca de uma hora. Guardas Municipais deram apoio ao tráfego, até que a pista fosse liberada. De acordo com servidores do órgão, o local concentra um elevado índice de acidentes. Os dois motoristas registraram a ocorrência na 123ª Delegacia Civil de Macaé. KANÁ MANHÃES

TRÁFEGO

Concessionária monta "Operação Especial" para o feriado de Páscoa DIVULGAÇÃO

São esperados cerca de 180 mil veículos na rodovia BR- 101 entre os dias 28 e 29 de março a autopista fluminense preparou uma operação especial para o feriado de Páscoa. Ações especiais de Engenharia de Tráfego foram programadas, visando facilitar o deslocamento dos usuários em direção à Região dos Lagos, Norte Fluminense e ao Espírito Santo. Cento e sete câmeras de monitoramento via CFTV (Circuito Fechado de TV) darão mais agilidade ao acionamento dos recursos para atendimento das ocorrências. Por meio de uma parceria entre concessionárias, ANTT, Polícia Rodoviária Federal, Prefeituras e outros órgãos também foram possíveis as definições para o reposicionamento de pontos de ônibus na Avenida do Contorno e no Trevo de Manilha, para a sinalização especial em entroncamentos e para o baseamento estratégico de viaturas, ambulâncias e guinchos ao longo da BR-101 RJ/Norte. O reforço na operação de atendimento ao usuário começa na quinta-feira, 28 de março, e segue até a noite de domingo, dia 31. Painéis de mensagens variáveis (PMVs), fixos e móveis, informarão aos usuários sobre as condições da rodovia. Locais estratégicos serão utilizados como pontos de baseamento de viaturas, ambulâncias e guinchos, de forma a agilizar os atendimentos médicos e mecânicos necessários.

No km 169, na região de Macaé, a concessionária realiza obras de um viaduto

Previsão de tráfego a maior concentração de tráfego deve acontecer no trecho da BR-101 RJ/Norte, entre Niterói e Rio Bonito. A previsão é que cerca de 90 mil veículos trafeguem nos dois sentidos da BR-101/RJ Norte nos dias de maior movimento. No km 169, na região de Macaé, a conces-

sionária realiza obras de implantação de trevo em desnível (viaduto). A região está devidamente sinalizada e o tráfego seguirá por um desvio. A concessionária recomenda aos usuários que irão utilizar a BR-101 nestes trechos que programem seu retorno e evitem os horários

de maior movimento. Os horários de pico, segundo a concessionária, irão se concentrar nas saídas, entre os dias 28 (quinta-feira), de 16h às 23h e 29 (sexta-feira), das 7h às 14h e nos dias de retorno, 31 (domingo), entre 16h e 23h e 1º (segunda-feira), das 7h às 11h.

Mais recursos

Pedágio

Catorze viaturas de inspeção trabalharão durante 24 horas, de modo a agilizar a identificação e o atendimento às ocorrências - o dobro do efetivo para dias normais. Também estará à disposição dos usuários um caminhão de apoio ao combate a incêndio, um veículo e equipe de apoio à Polícia Rodoviária Federal na apreensão de animais na pista e uma motocicleta posicionada no trecho de maior fluxo da rodovia, para agilizar os atendimentos.

Nos dias de maior fluxo, as praças de pedágio da BR-101/RJ Norte funcionarão com sua capacidade máxima. Arrecadadores adicionais estarão de plantão para fazer a cobrança à frente das cabines (papa-filas), quando necessário. A tarifa básica para automóveis é de R$ 3,30. Motos pagam R$ 1,65. Veículos comerciais pagam conforme o número de eixos.

Com o impacto da batida, o vidro do para-brisa do coletivo se quebrou


6

MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Economia

NOTA

Prefeitura intensifica ações com objetivo de sanear o município

CONSUMO

KANÁ MANHÃES

Procon dá dicas na hora de comprar ovos de Páscoa Pesquisar os preços e verificar os rótulos são as principais medidas para não sair lesado Patricia Lucena patricia@odebateon.com.br

C

om a Páscoa chegando, os supermercados de toda a cidade estão lotados de ovos dos mais diferentes tipos e atrativos para conquistar o consumidor. Em uma reportagem divulgada nesta semana, a equipe do jornal O DEBATE comprovou que os preços dos ovos são abusivos e chegam a custar cinco vezes mais do que as barras de chocolates, apenas devido as suas embalagens e brindes. Mas como o símbolo da Páscoa é o ovo, fica difícil deixar de comprá-los e os consumidores acabam se rendendo aos altos preços. Mesmo assim é preciso pesquisar. Essa é a principal dica da Coordenadoria Extraordinária de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-Macaé) na hora de comprar os ovos. Segundo o órgão, os valores podem variar bastante no comércio local. Mas é fundamental verificar a validade, o peso líquido e a composição do produto para garantir a boa compra. O rótulo precisa ser observa-

do. De acordo com o Procon, ele deve apresentar, além da validade, do peso líquido e da composição, a lista de ingredientes que compõem o produto, com indicação clara se contém açúcar ou glúten. É importante também ficar atento ao peso dos ovos, já que muitas numerações indicadas pelos fabricantes não são equivalentes entre as marcas. Outra recomendação do Procon é sempre verificar se há sinais de violação, furos ou partes amassadas. Caso seja encontrado, o produto não deve ser adquirido. É preciso estar atento às embalagens e observar se elas protegem os ovos de insetos ou contaminação. Um dos campeões de vendas na Páscoa são aqueles ovos com brinquedos no interior. Porém, estes pedem atenção redobrada. O consumidor deve observar se a embalagem traz o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e a idade recomendável para o brinquedo. Aliás, outra dica é evitar fazer as compras com crianças. Elas são facilmente influenciadas pelo marketing e acabam querendo produtos que nem sempre caracterizam um

bom custo-benefício. Uma dica fundamental é conferir, na hora da compra, as informações fornecidas em anúncios, folhetos ou em qualquer material publicitário. Isso porque o fornecedor deve cumprir a oferta exatamente como anunciou e, caso não o faça, o consumidor deve reclamar pelos seus direitos. Alguns ovos ficam dispostos em bancas de promoção com a informação de que estão “quebrados”. Normalmente, estes produtos costumam ser mais baratos que outros em perfeitas condições. Mas quem optar por eles deve saber que o fornecedor não será obrigado a realizar a troca. Outra dica é não comprar os ovos com vendedores ambulantes. Geralmente eles não têm condições ideais de armazenamento e o consumidor pode adquirir um produto que ponha em risco a sua saúde. Para aqueles consumidores que optam por ovos, bombons ou colombas de fabricação caseira é aconselhável solicitar uma visita à cozinha e uma degustação do produto antes de comprá-lo. Os fornecedores de produtos fabricados artesanal-

Procon aconselha consumidores a pesquisarem preços e verificar validade dos ovos de Páscoa mente, além de terem de seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados, também são obrigados a fornecer nota fiscal. Ela é a principal garantia do consumidor em ca-

so de troca ou reclamação. Caso o consumidor se sinta lesado em algum de seus direitos, deve procurar o Procon-Macaé, de segunda a sexta-feira, das 8 horas às

17 horas, no subsolo do Paço Municipal, situado na avenida Presidente Feliciano Sodré, 534, no Centro. Os telefones para contato são (22) 27724458 e 2772-4491.

FERIADO

Comércio divulga horário de funcionamento na Páscoa KANÁ MANHÃES

Macaenses devem ficar atentos ao abre e fecha do comércio neste período festivo o feriado de Páscoa começa hoje e os macaenses devem ficar atentos ao abre e fecha do comércio neste período festivo. O Sindicato dos Empregados do Comércio de Macaé informou que as lojas do Centro devem ficar fechadas hoje (29) e no domingo (31), mas abrirão normalmente no sábado (30) até às 13h. As lojas que têm acordo firmado junto ao Sindicato, como as Casas Bahia, Casa & Vídeo e o Ponto Frio, que costumam funcionar mesmo em feriados, por ser uma data cristã, também devem ficar fechadas. Segundo o Sindicato, nenhuma loja entrou em contato para fazer acordo de abrir. Hoje e domingo, apenas alguns supermercados e as drogarias que trabalham em regime

População deve estar atenta aos horários de abertura do comércio em Macaé

de 24 horas devem ficar abertos. Já no sábado, os supermercados da cidade funcionarão normalmente. Os bancos também não irão abrir hoje. O Shopping Plaza Macaé também preparou um esquema especial para atender os clientes que ficarem na cidade

para o feriado. Hoje e domingo, as lojas estarão abertas das 15h às 21 horas, a praça de alimentação de 11h às 22 horas, o cinema das 13h às 22 horas e o hipermercado, das 9 às 22 horas. Já no sábado, as lojas e a praça de alimentação estarão abertas normalmente, das 10

às 22 horas, o cinema das 13h às 22 horas e o hipermercado, das 9h às 21 horas. O Shopping Plaza Macaé fica na Avenida Aluisio da Silva Gomes, nº 800 - Granja dos Cavaleiros. Mais informações pelo telefone (22) 3311-5454 ou pelo site www. shoppingplazamacae.com.br.

AgeRio assina convênio com a Garantinorte

há três anos, o Sebrae, as Prefeituras de Macaé e Campos, as associações comerciais e a Firjan vêm trabalhado juntos para estruturar a Garantinorte (Sociedade de Garantia de Crédito da Região Produtora de Petróleo do Estado do Rio de Janeiro), uma organização da Sociedade Civil

DECRETO Nº: 1.566 Abre crédito suplementar O Prefeito Municipal de Carapebus, no uso de suas atribuições legais e com base no preceituado no art. 2º da Lei Municipal nº 543/12 e nos parágrafos 2º e 3º do art. 43 da Lei Federal nº 4.320/64. DECRETA: Art. 1º - Abre Crédito Suplementar na importância de R$ 154.000,00 (Cento e Cinquenta e Quatro Mil Reais) para dotações orçamentárias constantes no Anexo I. Art. 2º - Os recursos para atender o artigo 1º serão provenientes de anulações total ou parcial de dotações constante no Anexo I. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Carapebus, 26 de março de 2013. Amaro Fernandes dos Santos Prefeito Municipal ANEXO I

PARCERIA

Micro e pequenas empresas já podem contar com o fundo garantidor criado há três anos pelo Sebrae

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Carapebus Gabinete do Prefeito

de Interesse Público (Oscip), criada em 2011 pelo Sebrae no Rio de Janeiro, em parceria com um grupo de instituições públicas e privadas. “As micro e pequenas empresas têm muita dificuldade em conseguir financiamentos para seus negócios, porque o governo pede o dobro de seu faturamento como garantia. Como elas não têm esse valor, acabam não conseguindo o financiamento”, explica Gilberto Soares, gerente do Sebrae no Norte Fluminense. Devido a essa dificuldade, o

Sebrae criou fundos garantidores - Garantinorte, onde são depositados recursos financeiros para serem utilizados como garantia pelas micro e pequenas empresas. “Esse fundo garante 80% do financiamento para as empresas. Desde a sua criação, já depositamos R$ 2 milhões, mas que ainda não foram utilizados”, afirma Gilberto. Segundo Gilberto, para que o fundo começasse a funcionar faltava um agente financeiro. “Esse foi o objetivo do Encontro de Empresários e Dirigentes de Micro e Pequenas Em-

presas da Região Produtora de Petróleo, Gás e Bioenergia do Estado do Rio de Janeiro realizado no último dia 21 de março. Na ocasião, a AgeRio - Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro assinou um convênio com a Garantinorte.” O gerente do Sebrae ainda informou que no próximo dia 16 de abril haverá um evento em Macaé sobre o Garantinorte. A expectativa é que o fundo garantidor facilite a vida dos micro e pequenos empresários que ainda não conseguiram fazer com que o seu negócio decolasse.


MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Geral

7

NOTA

Cras Aeroporto promove fortalecimento de vínculos familiares e comunitários

GRADUAÇÃO A DISTÂNCIA

Cederj divulga edital para isenção da taxa de inscrição Interessados podem se inscrever até o dia 12 de abril pelo www.cederj.edu.br/vestibular Juliane Reis Juliane@odebateon.com.br

A

fundação centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do Rio de Janeiro Fundação Cecierj / Consórcio Cederj, vinculada a Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia está com inscrições abertas para requerimento de isenção do pagamento da taxa de inscrição do Concurso Vestibular 2013/2, e pré-inscrição no sistema de cotas. Os interessados devem se inscrever até o dia 12 de abril pelo www.cederj.edu.br/vestibular por meio do preenchimento do requerimento. O requerimento deverá ser enviado junto com a documentação exigida no edital para Coordenação de Educação à Distância da UFF, Rua Lara Vilela, 197 - São Domingos - Niterói - RJ - CEP 24.210-590. O material também deve ser encaminhado em envelope lacrado, contendo nome e número da inscrição na seleção, gerado pelo requerimento, e a seguinte identificação: “VESTIBULAR CEDERJ 2013/2 - PEDIDO DE ISENÇÃO”. O candidato terá também a opção de entregar a documentação na secretaria de um polo Cederj, entre os dias 11 e 15 de setembro de 2012, de terça a sexta-feira, das 13h às 19h, e aos sábados, das 9h às 17h. Em Macaé o polo fica na sede do Instituto Federal Fluminense (IFF), Rodovia Amaral Peixoto, Km 164, Imboassica, Macaé, RJ. O telefone para contato é (22) 2765-6029. Podem solicitar a isenção de taxa e pré-inscrições os candidatos que comprova-

rem insuficiência de recursos financeiros, igual ou inferior a R$ 960,00. De acordo com o edital, o resultado dos pedidos será divulgado no dia 07 de maio de 2013 em www.cederj.edu. br/vestibular. Os cursos são oferecidos pelo Consórcio Cederj por meio de uma parceria formada entre o Governo do Estado do Rio de Janeiro e seis universidades públicas: Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF), Universidade Federal Fluminense (UFF), Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). As vagas oferecidas são para os cursos de Administração, Administração Pública, Licenciatura em Ciências Biológicas, Licenciatura em Física, Licenciatura em Geografia, Licenciatura em História, Licenciatura em Letras, Licenciatura em Matemática, Licenciatura em Pedagogia, Licenciatura em Química, Licenciatura em Turismo, Tecnologia em Sistemas de Computação e Tecnologia em Turismo. Para os interessados em participar da seleção por meio do sistema de cotas, as opções de curso são: Licenciatura em Ciências Biológicas, Licenciatura em Geografia, Licenciatura em Pedagogia e Licenciatura em Química, ambos oferecidos pela UERJ e pela UENF. Em Macaé são oferecidas vagas para as Licenciaturas em Ciências Biológicas, Física, Matemática, Pedagogia e Turismo e as atividades são

WANDERLEY GIL

Em Macaé a documentação solicitada no edital pode ser entregue na sede do IFF Rodovia Amaral Peixoto, Km 164, Imboassica, Macaé, RJ realizadas na sede do IFF. Já para ingressar em um dos cursos oferecidos pelo consórcio por meio da Ação Afirmativa o candidato deve ter participado do Enem 2012 e ter cursado, integralmente, com aprovação, todas as séries do Ensino Médio ou equivalente, em estabelecimentos de ensino da rede pública brasileira. As opções de curso são Administração, Administração Pública, Licenciatura em Ciências Biológicas, Licenciatura em Física, a Licenciatura em História, Licenciatura em Letras, Licenciatura em Matemática, Licenciatura

em Pedagogia, Licenciatura em Química, Licenciatura em Turismo, Tecnologia em Sistemas de Computação e

Tecnologia em Gestão de Turismo das demais Instituições Consorciadas. Todos os cursos terão início

no segundo semestre letivo de 2013 (2013/2), na modalidade de Educação à Distância, em regime semipresencial.


8

MACAÉ, SEXTA-FEIRA, 29 DE MARÇO DE 2013

Geral

NOTA

Vice-prefeito se reúne com representantes da Copa Rio Sub 17

SEMANA SANTA

FOTOS WANDERLEY GIL

Ontem teve estreia da encenação da Paixão de Cristo Com entrada gratuita, o espetáculo começou ontem (28) e segue até domingo (31), às 20h30, no Parque da Cidade

C

om o espetáculo “O Drama da Salvação”, a encenação da Paixão de Cristo durante as festividades da Semana Santa está de volta com várias novidades esse ano. O texto respeita os preceitos bíblicos e pretende emocionar a plateia com as últimas mensagens da vida de Jesus. Com entrada gratuita, o espetáculo começou ontem (28) e segue até domingo (31), às 20h30, no Parque da Cidade. Além da apresentação do espetáculo, que é uma tradição macaense, a Prefeitura de Macaé também disponibilizou várias atividades que vão beneficiar toda família, como às atrações esportivas, religiosas e apresentações ecumênicas de corais, bandas, barraquinhas de artesanato e alimentação da Feira de Economia Popular e Solidária. Outra atração do feriado é o consumo do peixe, por isso, aumenta a movimentação do Mercado Municipal

de Peixes, que terá um horário especial de atendimento, e o preço, segundo os pescadores, não vai aumentar. De ontem (28) a Sexta-feira Santa (29), o mercado vai funcionar de 6 às 19 horas. No sábado (30), até às 15 horas e no domingo (31) de Páscoa, horário normal, de 7 às 12 horas. Os milhares de fiéis que todo ano se reúnem para celebrar a Paixão de Cristo na Semana Santa poderão participar com tranquilidade pelas ruas de Macaé, nas procissões e nos demais eventos religiosos e culturais pela data. Vinte guardas municipais e agentes de trânsito estarão acompanhando os trajetos todos os dias, fechando as vias necessárias para a passagem dos fiéis, nos diferentes pontos da cidade, com apoio de policiais do 32º Batalhão de Polícia Militar (BPM), garantindo assim a segurança e mobilidade no tráfego de veículos e pedestres. Ônibus – Durante os even-

tos, a população também contará com linha especial de ônibus urbano. A empresa do Sistema Integrado de Transporte colocará uma linha direta saindo do Terminal Central para o Parque da Cidade, nos horários das apresentações, entre 20h e 22h30, de quinta-feira a domingo. O serviço funcionará na ida e volta e, de acordo com a demanda, a empresa vai liberar mais ônibus para melhor atender os usuários, já que no Parque da Cidade os eventos pela data também acontecerão durante o dia, como a Feira de Artesanato. O objetivo dos trabalhos é levar conforto e comodidade para a população assistir às atrações com tranquilidade. Serviço: As praças de atendimento prefeitura não funcionarão durante o feriado. Os trabalhos voltam ao normal a partir da próxima segunda-feira (1).Os hospitais e os prontos socorros terão o setor de emergência funcionando normalmente, durante as 24 horas do dia.

"O Drama da Salvação" promete emocionar o público

Noticiário - 290313  

Noticiário - 290313

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you