Issuu on Google+

´KANÁ MANHÃES

CIDADE

Situação da Lagoa ainda é crítica Índice apresentado pelo Inea aponta também situação de praias pág. 8 WWW.ODEBATEON.COM.BR • MACAÉ (RJ), QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013 • ANO XXXVII • Nº 8049 • FUNDADOR/DIRETOR: OSCAR PIRES • O JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO DO MUNICÍPIO • R$ 1,00

Governo passa a priorizar obras durante a avaliação dos 90 dias Após percorrer canteiros de obras, prefeito Dr. Aluízio Júnior (PV) conduziu, na noite de ontem, reunião com secretariado onde comentou avanços em setores como saúde, educação e transporte público pág. 3 SUBSÍDIO

WANDERLEY GIL

Câmara mantém vetos do prefeito em votos secretos, a maioria do parlamento municipal aprovou ontem a manutenção de todos os vetos a emendas apresentadas por vereadores ao projeto de lei que estabeleceu, a partir do dia 1º do mês passado, o subsídio da tarifa do transporte público, criando assim a passagem a R$ 1,00. Mesmo com a argumentação dos parlamentares autores das propostas, o plenário, orientado pelo líder da bancada do governo, garantiu a integridade da proposta considerada atualmente como o principal marco do governo. pág. 3

OPORTUNIDADE

Jardim Santo Antônio à espera de intervenções Moradores solicitam atuação de equipes das secretarias de Manutenção e Limpeza Pública pág. 8

Semana começa com 1,5 mil vagas de emprego Votação dos vetos teve prioridade durante o momento da Ordem do Dia da sessão ordinária de ontem, terça-feira (2)

Aulas estão sendo realizadas na Associação da Barra de Macaé pág. 8

UFRJ recebe 300 novos estudantes

Motocicletas são recolhidas em nova operação da Polícia Militar Através das metas de reduzir o número de veículos em situação irregular na cidade e combater o crime organizado, o comando do 32º Batalhão da Polícia Militar garantiu que operações serão intensificadas na cidade com objetivo de oferecer maior segurança a bairros e comunidades pág. 5 KANÁ MANHÃES

Sebrae lança convênio com Petrobras

na tarde de ontem, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira deu as boas-vindas aos novos calouros do campus. A recepção dos acadêmicos foi realizada no Auditório Cláudio Ulpiano, na Cidade Universitária. O diretor do campus, Gilberto Dolejal Zanetti recebeu os estudantes e falou da nova etapa que eles começam a viver. pág. 7

Parceria beneficia empresários de Macaé e Rio das Ostras pág. 6

Polícia prende suspeito por tráfico

KANÁ MANHÃES

Durante a tarde de ontem, policiais fiscalizaram documentações e veículos em diferentes pontos da área central da cidade

Encontro aconteceu ontem

Associação de Corredores abre inscrições para Ultra Desafio

DIVULGAÇÃO

COTAÇÃO

R$ 2,0200 R$ 2,0220

TEMPO

Máxima. Mínima.

Candidatos devem procurar a secretaria de Trabalho e Renda pág. 6

SEGURANÇA

Nova turma de inglês comunitário é formada

Dólar C. Dólar V.

SERVIÇOS

30º C 23º C

A Associação dos Corredores de Rua de Macaé (Ascom) está com inscrições abertas para a terceira edição do Ultra Desafio de 80 km. O evento que terá início no sexto distrito de Macaé, o Sana, será realizado no dia 8 de junho. Interessados devem se cadastrar no blog da Ascom. As vagas são limitadas. O Ultra Desafio será realizado no mês de junho e não mais em dezembro, segundo a organização. pág. 14

Denúncia anônima levou à localização de drogas. Uma pessoa foi presa pág. 5

Firjan avalia hoje nova relação com o governo seguindo a agenda de trabalhos, os membros da Comissão Municipal da Firjan começam a definir, na reunião de hoje, a gestão que irá conduzir, pelos próximos 12 meses, os trabalhos de um dos mais conceituados conselhos empresariais. pág. 2


2

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Cidade

NOTA

O vice-prefeito Danilo Funke (PT) organiza a nova agenda de encontros que serão realizados pelo Orçamento Participativo

GESTÃO

TRABALHO

Acompanhado de secretários, prefeito esteve na manhã de ontem no trecho paralisado da revitalização da Imbetiba

Membros da Comissão Municipal participam hoje de reunião mensal, no Senai Macaé

Governo passa a priorizar obras e avalia prioridades Márcio Siqueira marcio@odebateon.com.br

A

o trabalhar, desde o início da gestão, com o objetivo de superar os desafios apresentados pelos setores considerados como essenciais para a rotina da população da cidade: saúde, educação e transporte, o governo municipal passa, a partir desses 90 dias de administração, a ter uma nova prioridade: o andamento das obras paralisadas em virtude do processo de transição. A partir da nova meta, o prefeito Dr. Aluízio Júnior (PV) iniciou a agenda oficial de ontem visitando canteiros de obras de projetos importantes, que passarão a ter novos formatos diante do planejamento traçado pela administração. Acompanhado pelo secretário municipal de Obras, Marcos Túlio, e por outros membros da administração, Dr. Aluízio esteve, por volta das 8h, no cruzamento entre as avenidas Elias Agostinho e Agenor Caldas, ponto exato onde foram paralisadas as obras de revitalização

da orla da Imbetiba. "Conseguimos caminhar em setores importantes como a saúde, a educação e o transporte. Agora estamos direcionando o governo para as intervenções que consideramos técnicas, obras que são importantes para a cidade", apontou o Prefeito. Após cumprir a agenda externa, e de participar de reuniões

em seu gabinete, o prefeito comandou, no início da noite de ontem, o encontro mensal com os membros do alto escalão da administração, onde metas foram analisadas e novas estratégias apresentadas. "Sempre fazemos essa avaliação do governo para acertar onde precisa e garantir uma gestão eficiente", apontou. WANDERLEY GIL

Dr. Aluízio conduziu ontem reunião com o secretariado

KANÁ MANHÃES

Firjan realiza hoje reunião e avalia relação com gestão Membros irão analisar avanços alcançados através de nova relação com o governo seguindo a tradicional agenda de trabalhos, os membros da Comissão Municipal da Firjan começam a definir, na reunião de hoje, a gestão que irá conduzir, pelos próximos 12 meses, os trabalhos de um dos mais conceituados conselhos empresariais do interior do estado do Rio de Janeiro. Ao reafirmar também o compromisso de atuar pelo desenvolvimento econômico, social e sustentável do município, os membros do conselho irão fazer uma análise sobre as metas e propostas desenvolvidas ao longo dos últimos meses, assim como os progressos

significativos alcançados através do novo modelo de relacionamento com o poder público. Na noite de hoje, os membros da Comissão irão registrar os possíveis interessados em concorrer ao posto de líder do conselho empresarial, ocupado por Evandro Esteves pelos últimos dois anos, e que segue como forte candidato a garantir a recondução do grupo pelos próximos 12 meses. A eleição da gestão do conselho ocorrerá na próxima reunião, em maio. Ao buscar uma relação mais próxima, porém isenta, junto a administração municipal, a Comissão Municipal mantém em pauta a discussão sobre melhorias e investimentos em setores e projetos essenciais a garantir melhoras significativas em áreas não relacionadas apenas ao setor econômico, mas também ao desenvolvi-

mento humano na cidade. Entre os avanços obtidos através deste novo modelo de relação com o poder público está a celeridade na metodologia de concessão de alvarás para obras de construção civil, processo antes engessado que atrapalhava a garantia de novos investimentos no município. A reunião especial deverá contar com a participação de membros do atual governo, secretários que já possuíam relação mais próxima com o conselho empresarial, e que poderão apresentar avanços em pautas já discutidas nas últimas reuniões realizadas pela Comissão. Entre as metas já planejadas pelo conselho está a intensificação da luta pela realização do projeto total da duplicação da BR 101, através da participação do Fórum técnico, proposto pelo governo municipal.


MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Política

3

NOTA

Guto Garcia (PT) apresentou requerimento para cobrar informações sobre o Programa Macaé Inteligente

SUBSÍDIO

WANDERLEY GIL

Câmara mantém vetos do governo Com atuação da bancada governista, plenário garante integridade do projeto que garante passagem a R$ 1,00 Márcio Siqueira marcio@odebateon.com.br

O

s argumentos dos vereadores autores de emendas ao projeto de lei que estabeleceu, desde o dia 1º de março, o subsídio do transporte público, criando a passagem a R$ 1,00, não foram suficientes para evitar que os vetos às propostas fossem mantidos, através da decisão da maioria do plenário, registrada durante a sessão ordinária de ontem, do parlamento municipal. Com a atuação dos membros da bancada governista, os cinco vetos às emendas apresentadas pelos vereadores Igor Sardinha (PT), Amaro Luiz (PSL) e Cesinha (PSL), foram mantidos, durante votações secretas, pre-

valecendo assim a integridade do projeto de lei 001/2013, apresentado pelo prefeito Dr. Aluízio Júnior (PV) à Câmara na sessão solene que marcou o retorno dos trabalhos legislativos, em fevereiro deste ano. Os vetos foram as principais matérias colocadas em votação, na Ordem do Dia de ontem. Diante de um plenário lotado no setor da assistência, os parlamentares discutiram o teor das propostas defendidas pelos vereadores autores como "melhorias" ao projeto criado pelo governo municipal. Autor de duas emendas aditivas ao projeto, Amaro Luiz (PSL) argumentou que suas propostas visavam garantir uma "segurança", tanto ao poder

Vereadores deram prioridade, na sessão de ontem, à votação dos cinco vetos ao projeto de lei do subsídio da passagem a R$ 1,00 executivo, quanto ao legislativo. "Estamos tratando de dinheiro público. Acredito que as minhas propostas poderiam contribuir para evitar que, no futuro, os poderes executivo e legislativo possam ser questionados pelo Tribunal de Contas", apontou o parlamentar. Ao defender a integridade do projeto apresentado pelo executivo, Julinho do Aeroporto (PPL), líder do governo, apon-

tou que a proposta do governo era correta em sua totalidade. "Acredito que o governo cumpriu bem o seu papel ao elaborar esse projeto. Se a Procuradoria entendeu que as emendas não são necessárias, peço à bancada que mantenha o veto", solicitou o parlamentar. Marcel Silvano (PT), que se manteve contrário às emendas desde a votação do projeto, apontou o alcance social da proposta.

"Continuo a defender a integridade do projeto elaborado pelo governo. Acredito que a proposta garante o alcance social necessário à cidade", declarou o parlamentar. Autor de duas emendas, Igor Sardinha (PT) defendeu o seu posicionamento ao afirmar que todo o projeto pode ser "melhorado". "Defendo aqui o papel desta Casa em atuar e zelar pelo bem da população. Não há nada tão bom que não possa ser melho-

rado. As minhas emendas tinham como objetivo garantir a Câmara o direito de acompanhar a liberação dos recursos de acordo com o número de pessoas contempladas", apontou. A sessão foi marcada também por polêmica diante da falta de justificativa do veto apresentado pelo governo à última emenda, relativa ao artigo 4º do projeto de lei. Mesmo assim, o veto foi mantido.

SOCIAL

Comissão vai visitar comunidades WANDERLEY GIL

Proposta foi aprovada ontem por unanimidade pelo parlamento durante a sessão ordinária de ontem, o plenário da Câmara de Vereadores aprovou, por unanimidade, a criação de uma comissão parlamentar que vai acompanhar a atual situação dos moradores das comunidades Ilha Leocádia e Águas Maravilhosas, áreas consideradas de risco que concentram famílias que necessitam de remoção. A aprovação atendeu a um pedido feito pelo vereador Manoel da Malvinas (PR), ao defender o requerimento 081/2013, que solicitou ao Ministério Público Federal a realização de um novo estudo e a apresentação de um novo parecer sobre a atual situação enfrentada pelos moradores da Ilha Leocádia. "A situação ainda é complicada e as famílias vivem sem a certeza sobre o seu futuro. Não se pode realizar nenhum tipo de obra no local, as pessoas seguem sem atendimento do poder público. É preciso garantir uma solução concreta para esse caso. Por isso solicito a criação de uma Comissão

que acompanhe de perto a situação dessas famílias", apontou o parlamentar. A proposta do parlamentar foi corroborada pelo vereador Luciano Diniz (PT), que apontou a situação enfrentada pelas famílias da Águas Maravilhosas.

"Conheço a situação vivida por essas famílias e corroboro o pedido feito pelo vereador para garantir uma solução para esse impasse. As famílias da Águas Maravilhosas vivem a necessidade real de remoção", informou o vereador.

O primeiro vice-presidente da Mesa Diretora, Maxwell Vaz (PT) também apontou a situação precária vivida pelos moradores das duas comunidades. "Na Águas Maravilhosas, os moradores construíram casas sobre um antigo lixão, viven-

Comissão aprovada por unanimidade fará levantamento sobre situação dos moradores da Ilha Leocádia e Águas Maravilhosas

do uma situação de total insalubridade. Na Ilha Leocádia a situação também é bem agravante. Essas áreas registram ainda a degradação ambiental em virtude da invasão. Também defendo a solicitação do vereador", disse Maxwell.

Diante da solicitação dos parlamentares, o presidente da Câmara de Vereadores, Dr. Eduardo Cardoso (PPS), colocou em plenário a votação para a criação da comissão parlamentar. "Defende a necessidade real de se acompanhar a situação dessas famílias. Vamos colocar em votação a proposta de criação da Comissão", disse. Aprovada por unanimidade, a comissão também foi formada de forma imediata, pelo plenário, sendo composta pelos vereadores Manoel da Malvinas (PR), Luciano Diniz (PT), Julinho do Aeroporto (PPL), Maxwel Vaz (PT) e Lúcio Mauro (PMDB). A expectativa é que ainda nesta semana os integrantes da comissão se reúnam para agendar visitas às duas comunidades carentes. Além disso, um relatório deverá ser elaborado, apontando a situação real dos moradores, que será apresentado ao plenário, além de ser encaminhado cópia ao Ministério Público Federal. "A situação das famílias das comunidades já se arrasta há anos, um reflexo do processo de invasão registrado no município", apontou Julinho do Aeroporto.

OPERADORAS

Audiência pública discutirá serviços Representantes da Anatel serão convidados a participar de encontro através do requerimento 118/2013, de autoria do vereador Maxwell Vaz (PT), a Câmara de Vereadores aprovou a realização de uma audiência pública que discutirá a qualidade do serviço oferecido pelas operadores de telefonia móvel em Macaé. Ao defender a matéria, o parlamentar afirmou ter feito um levantamento nacional sobre as principais queixas dos usuários do serviço.

"Em todo o país, as operadoras de telefonia móvel ocupam a lista das principais reclamações feitas pela população. Isso ocorre também em Macaé. Estive no Procon e constatei esse fato. Isso só corrobora a necessidade de realização dessa audiência pública", afirmou o parlamentar. De acordo com Maxwell, o agendamento da audiência deve ser feito através de um contato com representantes da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). "É essencial a participação dos representantes da Anatel. Precisamos relatar as reclamações dos usuários, a precarie-

dade do serviço, as cobranças indevidas e o pior, o não funcionamento correto dos telefones de emergência. É comum ligar para a Polícia e o Bombeiro e a ligação cair em outra cidade, e não em nossos postos de atendimento", disse Maxwell. A solicitação do parlamentar foi elogiada pelo vereador Igor Sardinha (PT), que reforçou o registro da precariedade no serviço de telefonia. "Precisamos garantir uma resposta aos usuários. Nós, como representantes políticos, precisamos cobrar. Acredito que essa audiência pública vai garantir as informações que buscamos", disse.

WANDERLEY GIL

Maxwell defendeu a realização da audiência pública


4

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Opinião EDITORIAL

NOTA

Profissionais da educação participaram nesta semana de uma palestra com representante do Ministério da Educação, na Cidade Universitária

FOTO LEGENDA WANDERLEY GIL

Vidas em jogo A defesa pelas obras de duplicação da BR 101 vai além das questões econômicas, que envolvem os municípios relacionados a dinâmica de produção de petróleo na Bacia de Campos.

A

cada feriado prolongado, a cada período de festas que provoca o deslocamento de milhares de pessoas para as principais praias da região, novos casos de acidentes e mortes são registrados, o que representa a necessidade real da realização das obras ainda engessadas em virtude de entraves burocráticos questionáveis. Depois dos acertos firmados entre os representantes dos municípios Norte Fluminense e os representantes da Autopista Fluminense e a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), durante a audiência pública realizada na Câmara de Vereadores de Macaé em abril de 2011, poucas ações foram cumpridas pelos órgãos responsáveis por garantir a liberação das licenças ambientais necessárias a realização do projeto. Apesar das vidas em jogo, o interesse empresarial e a inércia do poder público acabam prejudicando o andamento de um projeto que não possui padrinhos políticos, mas sim o clamor da população que enfrenta diariamente os riscos registrados na estrada que ganhou a alcunha de “Rodovia

da Morte”. Ao prever a realização da duplicação apenas em 2017, o contrato de concessão, firmado entre a Autopista e o governo federal em 2008, será objeto de estudo de uma equipe técnica, formada por um Fórum proposto pela administração municipal, que apresentará defesas legais para garantir a realização concreta das obras. Enquanto o imbróglio se arrasta, vidas seguem ceifadas em acidentes ocasionados também pela imprudência de muitos condutores. Diante de todos esses casos, a duplicação da BR 101 torna-se a principal prioridade para os municípios do Norte Fluminense que podem literalmente parar diante da falta de infraestrutura da rodovia federal. Lideranças políticas importantes atuam na defesa para a realização do projeto, posicionamento que não deve ser relacionado apenas a disputa eleitoral para a sucessão do governo do Estado, no próximo ano. Como a união faz a força, a expectativa é que 2013 seja o ano marcado pela vitória da mobilização regional em defesa da duplicação da BR 101.

ESPAÇO ABERTO Metrologia na Saúde Um item de controle metrológico, que tem sido observado com muita atenção em todo o planeta e que é afeto, em grande parte, a um setor de Engenharia Clínica, está no monitoramento da qualidade do ar em ambientes hospitalares, principalmente devido à tendência atual de instalações de ar condicionados centrais.

S

e os eventos adversos (complicações no quadro clínico de um determinado paciente que não foi decorrente da enfermidade que o levou a ser hospitalizado) podem ser os responsáveis por altos índices de doenças, devido à falta de controle de qualidade dos equipamentos eletromédicos, as infecções causadas pelos sistemas de ar condicionados podem provocar outras doenças levando, inclusive, a óbitos. Esse controle é de importância supra para a diminuição dos riscos das infecções, principalmente ocasionadas pela presença e propagação de alguns vírus, fungos e bactérias que conseguem sobreviver em ambientes secos por períodos prolongados. Essa é uma preocupação crescente, tanto dos pacientes quanto dos diversos profissionais que trabalham diariamente nos hospitais. Nesse ambiente, a metrologia exerce um papel fundamental para o sucesso desse controle. As instalações, procedimentos de manutenção, limpeza e conservação, assim como as medidas de temperaturas, devem seguir rígidas normas técnicas, de acordo com padrões internacionais. Além disso, os dispositivos de operação dos equipamentos devem ser verificados periodicamente, para a garantia e confiabilidade dos valores indicados.

Verificam-se certos esforços, por parte de diversos agentes sociais, para o desenvolvimento de legislações e mecanismos de acompanhamento e controle desses equipamentos. Entretanto, os atuais desenvolvimentos tecnológicos, com a efetiva aplicação nesse campo e a infra-estrutura da metrologia em todo o mundo, parecem demonstrar, ainda, a necessidade de aprimoramentos, como qualquer outro sistema atrelado ao cotidiano dos cidadãos. Assim, avanços para a consolidação de uma cultura metrológica mais abrangente se configuram como importante ação estratégica, a ser estabelecida por todas as nações que realmente desejam estabelecer padrões de qualidade em níveis superiores. Uma forma que se vislumbra muito interessante é exatamente através da promoção de parcerias entre universidades, centros de pesquisas e empresas especializadas do setor, proporcionando capilaridade para um sistema de inovação tecnológica, com o objetivo de prover melhorias contínuas tanto das tecnologias quanto da gestão dos procedimentos e rotinas de controle de qualidade do ar nos ambientes hospitalares. Eduardo Batista Neiva (Físico pela UFRJ) e Luis Carlos Castro (Engenheiro Químico pela UFRRJ)

Apesar de estar situado em um local por onde circulam milhares de pessoas diariamente, o vazamento de uma tubulação d'água, registrado na calçada de acesso ao pátio de embarque e desembarque de passageiros da Rodoviária de Macaé ainda não foi identificado pela equipe da concessionária responsável pelo serviço. A manutenção da rede é cobrada por trabalhadores que atuam no shopping popular. O flagrante demonstra também o desperdício!

PAINEL Risco

Buracos

Redutor

A dengue infecta um número cada vez mais crescente de pessoas em Macaé. Com os sintomas típicos: dor no corpo, diarreia e febre alta, centenas de pessoas têm buscado as principais unidades de saúde em busca do diagnóstico preciso. A maioria dos casos está sendo encaminhada para o Hospital Público Municipal (HPM), que possui um laboratório para analisar as amostras.

Depois das chuvas intensas, que atingiram a cidade desde o início do ano, buracos e crateras voltaram a se formar nas principais vias públicas da cidade. Apesar de recorrente, o problema não tem sido contornado no ritmo esperado pelos motoristas, que acabam sendo surpreendidos pelas armadilhas que se formam nos trechos de circulação intensa dos carros.

A implantação de um redutor de velocidade eletrônico, em frente ao acesso do Aeroporto de Macaé, segue como uma das principais propostas defendidas pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) junto ao governo municipal. O equipamento contribuiria para evitar acidentes e atropelamentos, risco corrido por profissionais e passageiros que circulam pelo terminal.

Atendimento

Duplicação

Os congestionamentos, o número crescente de veículos pesados e o número expressivo de mortes só reforçam a necessidade da realização do projeto total de obras de duplicação da BR 101. Por ainda não receber as intervenções, o trecho da rodovia situado próximo a Macaé segue considerado como o mais perigoso da “Rodovia da Morte”. A situação precisa ser revista.

Reforma

A população aguarda com expectativa o andamento das obras de reforma da orla da Praia dos Cavaleiros. O procedimento, iniciado em janeiro, segue em ritmo lento, devido à complexidade da realização do projeto. Ao identificar, há quase dois anos, as avarias ocasionadas pela ressaca do mar, os frequentadores da praia defendem a reforma do espaço.

Revitalização

Elevado

Fiscalização

Durante o final de semana, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Barra de Macaé não realizou procedimentos. O problema foi ocasionado pela falta de insumos, cuja entrega foi atrasada devido ao processo de auditoria e análise nos contratos firmados pela administração pública passada. O atendimento foi normalizado no início desta semana. O governo municipal realiza desde a semana passada o trabalho de revitalização dos canteiros de plantas situados em diversos trechos da rodovia Amaral Peixoto. A implantação de novas mudas de plantas e a capina do mato acabaram ocasionando pequenos transtornos ao trânsito. Porém, finalizado, o trabalho acabou sendo elogiado pela população.

A construção do elevado sobre o cruzamento entre a BR 101 e a RJ 168, a Estrada da Serra, já modificou completamente o traçado das duas pistas, no local. Atualmente os operários da Autopista Fluminense executam a implantação das duas novas faixas nos 500 metros próximos a nova estrutura, nos sentidos Norte e Sul da rodovia federal.

EXPEDIENTE EJORAN - Editora de Jornais, Revistas e agências de Notícias. cnpj: 29699.626/0001-10 - Registrado na forma de lei. diretor responsável: Oscar Pires. sede própria: Rua Benedito Peixoto, 90 - Centro - Macaé - RJ. Confeccionado pelo Sistema de Editoração AICS e CTP (Computer to Plate). Impresso pelo Sistema Offset. circulação: Macaé, Quissamã, Conceição de Macabu, Carapebus, Rio das Ostras, Campos dos Goytacazes e Casimiro de Abreu. A direção do O DEBATE não se responsabiliza e nem endossa os conceitos emitidos por seus colaboradores em ações ou artigos assinados, sendo de total responsabilidade do autor. Filiado à ADJORI-RJ - Associação dos Diretores de Jornais do Estado do Rio de Janeiro e à ABRAJORI - Associação Brasileira de Jornais do Interior. ANJ - Agência Nacional de Jornais. ADI Brasil - Associação dos Jornais Diários do Interior. Representante: ESSIÊ PUBLICIDADE E COMUNICAÇÃO S/C LTDA. são paulo: R. Abílio Soares, 227/8º andar - Conjunto 81 - CEP: 04005-000 Telefone: (11) 3057-2547 e Fax: (11) 3887-0071 • rio de janeiro: Av. Princesa Isabel, 323 - sala 608 - CEP: 22011-901 - Telefone: (21) 2275-4141 • brasília: SCS Ed. Maristela, sala 610 / DF - CEP: 70308-900 - Telefone: (61) 3034-1745 (61) 3036-8293.

Proposta que deu certo no início do ano, a implantação de agentes de trânsito ao longo da rodovia Amaral Peixoto, no trecho entre o Parque Aeroporto e a Ponte Ivan Mundim, acabava com o surgimento das famosas filas duplas, que atrasava ainda mais o tráfego no local. Com a saída dos agentes, o caos voltou a se formar no trecho mais congestionado do trânsito da cidade.

GUIA DO LEITOR JORNAL O DEBATE tel/fax: (22) 2106-6060 acesse: http://www.odebateon.com.br/ e-mail: odebate@odebateon.com.br comercial: Ligue (22) 2106-6060 - Ramal: 219/220 e-mail: comercial@odebateon.com.br classificados: E-mail: classificados@odebateon.com.br

TELEFONES ÚTEIS: POLÍCIA MILITAR: POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL: SAMU - SERV. AS. MED. URGÊNCIA: CORPO DE BOMBEIROS: DEFESA CIVIL: POLÍCIA CIVIL - 123ª DP: DISQUE-DENÚNCIA (POLÍCIA MILITAR): DELEGACIA DE POLÍCIA FEDERAL (24 HORAS): DEL. DE POL. FEDERAL (DISQUE DENÚNCIA): DEL. DE POL. FEDERAL (PASSAPORTE/VISTO): DISQUE-DENÚNCIA (CÂMARA DE MACAÉ): HOSPITAL PÚBLICO MUNICIPAL: AMPLA: CEDAE: PREFEITURA MUNICIPAL: DELEGACIA DA MULHER: GUARDA MUNICIPAL: ILUMINAÇÃO PÚBLICA: AEROPORTO DE MACAÉ: CARTÓRIO ELEITORAL 109ª ZONA: CARTÓRIO ELEITORAL 254ª ZONA: CORREIOS - SEDE: AG CORREIOS CENTRO: TELEGRAMA FONADO: SEDEX: CEG RIO: RADIO TAXI MACAÉ

190 191 192 193 199 2791-4019 2791-5379 2762-0820 2759-1312 2759-0698 2772-7262 2773-0061 0800-28-00-120 2772-5090 2791-9008 2772-0620 2773-0440 0800-72-77-173 2772-0950 2772-9214 2772-2256 2759-2405 2762-7527 0800-5700100 2762-6438 0800-28-20-205 27726058


MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Polícia

5

NOTA

Ônibus cai de viaduto sobre Av. Brasil e deixa sete mortos no Rio

APREENSAO

KANÁ MANHÃES

Blitz apreende veículos no Centro Objetivo é combater a criminalidade e coibir infrações. Ação faz parte de um realinhamento operacional Bertha Muniz berthamuniz@odebateon.com.br

E

m mais uma semana, a Polícia Militar intensificou as operações na cidade, com o objetivo de combater a criminalidade e coibir infrações entre motociclistas e motoristas que trafegam pelo município. O comandante do 32º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Ramiro de Oliveira Campos, promete realizar um realinhamento operacional com ações diárias, que estão acontecendo desde o dia 5 de março. A meta é reduzir o número de veículos em situação irregular, combater o tráfico de drogas, apreender armas ilegais, diminuir os índices de roubos e furtos, e principalmente capturar bandidos. As ações, segundo o comandante, serão feitas tanto no

asfalto, quanto dentro das comunidades. Um delas aconteceu na manhã de ontem (2), na Rua Silva Jardim, esquina com Avenida Rui Barbosa, no Centro. Várias motocicletas sem emplacamento e com documentação atrasada foram apreendidas pela polícia e levadas para o depósito municipal. Os veículos apreendidos poderão ser resgatados assim que o proprietário regularizar a situação deles. A operação de tolerância zero visa dar tranquilidade aos moradores de Macaé e também dos municípios abrangidos pela área do 32º BPM, como Rio das Ostras, Carapebus, Quissamã, Casimiro de Abreu e Conceição de Macabu. Paralelamente, a “Operação Corujinha” continua em toda a cidade. Trata-se de uma operação onde 90% do efetivo administrativo opera nas ruas

Várias motocicletas sem emplacamento e com documentação atrasada foram apreendidas pela polícia no período noturno. As ações estão acontecendo 24 horas por dia em todos os bairros da cidade.Além das operações no asfalto, o comandante enfatiza que a Polícia Militar está intensificando o policiamento no interior dos bairros onde as blitzen acontecem, com o objetivo de apreender entorpecentes, armas e também elementos integrantes do tráfico de drogas que possam estar escondidos. "O objetivo é não parar. Estaremos sempre fazendo rondas por toda a cidade visando a seguranca da população", es-

clareceu. E para os motoristas que ainda não regularizaram o IPVA do seu carro e estão fugindo das blitzen, o Detran-RJ abriu nove mil vagas para vistoria, nesta terça-feira (2). Como em Macaé as vagas estão esgotadas, o posto de vistoria mais próximo fica na cidade de São Pedro D'Aldeia, que funcionará em esquema especial neste domingo (7). O procedimento pode ser realizado em qualquer posto, independentemente do município onde o carro foi registrado, e qualquer motorista habilitado

poderá conduzir o veículo para onde o serviço foi agendado. Até a tarde de ontem (2), o total de vagas disponíveis para vistoria na cidade de São Pedro D'Aldeia era de 184. O posto tem servido de alterna-

tiva para muitos condutores de Macaé. Quem quiser realizar o procedimento no dia já citado, basta ligar para o telefone 08000204040 ou marcar a vistoria pelo portal do Departamento (www.detran.rj.gov.br).

CALENDÁRIO DE VISTORIA - 2013 FINAL DA PLACA DO VEÍCULO

PERÍODO PARA O LICENCIAMENTO ANUAL

0-9 8-7 6-5 1-2 4-3

até 30.06.2013 até 31.07.2013 até 31.08.2013 até 30.09.2013 até 31.10.2013

MORRO DE SÃO JORGE

Polícia prende suspeito de tráfico Homem de 23 anos foi preso em flagrante com 74 papelotes de cocaína, após uma denúncia anônima uma denúncia anônima resultou na prisão de um homem suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas no Morro de São Jorge, em Macaé. A acão ocorreu por volta das 19 horas de segunda-feira (1), na Travessa Abílio Corrêa Borges, beco 01. Allan da Costa Maciel, 23 anos, foi preso em flagrante com 74 papelotes de cocaína, dentro de sua casa.

De acordo com informacões do Servico de Inteligência da Polícia Militar (P2), a guarnicão foi acionada pelo Serviço de Operações do 32º Batalhão de Polícia Militar (BPM), após receber informações sobre a comercialização de entorpecentes no local. Allan foi conduzido até a 123ª Delegacia Civil de Macaé, onde foi autuado por tráfico de drogas e permanece preso. O material apreendido foi encaminhado à perícia. O tráfico de drogas no Morro de São Jorge vem se fortalecendo e a comunidade tem

KANÁ MANHÃES

apoiado a polícia realizando denúncias que estão ajudando a desmanchar quadrilhas que se instalaram no local. No início do mês, através de denúncias feitas por populares, a PM conseguiu chegar até um dos homens apontados como chefe do tráfico de drogas do Morro de São Jorge. Geilson Pereira Tito, de 21 anos, conhecido como "Acerola”, foi preso em flagrante pela PM, no momento em que vendia drogas em sua comunidade. Ele cumpre pena no presídio Carlos Tinoco da Fonseca, em Campos dos Goytacazes.

Allan foi conduzido até a 123ª Delegacia Civil de Macaé, onde foi autuado por tráfico de drogas e permanece preso

CURSOS

Jovens de áreas pacificadas receberão cursos A próxima etapa para o início dos cursos envolve reuniões com lideranças jovens a partir de 16 anos de idade que vivem em situação de vulnerabilidade social nas comunidades pacificadas de Nova Holanda, Nova Esperança, Malvinas e Botafogo, em Macaé, sairão das salas de aulas direto para o mercado formal de trabalho. As primeiras turmas dos cursos profissionalizantes gratuitos que serão oferecidos pela prefeitura começam a virar realidade e vão contemplar

também profissionais liberais, moradores dessas áreas, que terão a oportunidade de serem instrutores nos cursos de formação técnica, aumentando assim a renda familiar. Equipes das secretarias de Ordem Pública, Educação e do Centro de Educação Tecnológica e Profissional (Cetep) visitaram, nesta terça-feira (2), o Ciep Municipalizado Professor Darcy Ribeiro, na Nova Holanda, e o Colégio Municipal Botafogo, onde os cursos serão ministrados. Aqueles que exigem formação acadêmica serão realizados por professores das próprias escolas, já que

conhecem os alunos e o cotidiano da comunidade. As inscrições serão feitas nas próprias escolas e os cursos terão duração de dois meses e meio, cada, com carga horária total de 160 horas, com aulas teóricas de segunda a sexta-feira, das 18h às 21h30, e aos sábados, das 8h às 17h, com aulas práticas nas empresas. Os cursos serão de informática e inglês para jovens a partir de 18 anos, sendo que haverá também para soldador, no Ciep, e para montador de andaimes, no Colégio Botafogo, para quem tem entre 16 e 18 anos. Após a conclusão dos cursos, os jo-

EDITAL DE CASAMENTO RCPN - 2° Distrito de Macaé - RJ BRAZ DA SILVA SANTOS, e PATRICIA ROZENDO BARCELOS . ROMERO PEREIRA DE OLIVEIRA, e SILVANIA LEITE DA SILVA. LÁZARO DOMINGOS RIBEIRO, e ARLINIA DE SOUZA SILVA RODRIGUES. CARLOS VICENTE MOREIRA DO PATROCINIO, e MARIA APARECIDA DE PAIVA. RODRIGO CAMILO DA SILVA, e MÔNICA PEREIRA DOS SANTOS. JUCELIO DE SOUSA SANTOS, e JANDIRA SILVA SANTOS. ANTONIO NASCIMENTO DE JESUS, e APARECIDA VELOSO MENDONÇA. Quem souber de impedimento acuse-o. Barra de Macaé, 02 de abril de 2013. Ruth Bastos de Azevedo Pimentel - oficial.

vens serão encaminhados para trabalharem nas empresas parceiras do município, por meio da Secretaria de Trabalho e Renda (Semtre). A próxima etapa para o início dos cursos envolve reuniões com lideranças comunitárias, religiosas e agentes públicos que atuam dentro das

comunidades para que apontem quais são os jovens que vivem em situação de risco pessoal e social que querem mudar de vida pelo estudo e pelo trabalho e quais são os profissionais disponíveis para serem instrutores. Os cursos serão oferecidos nas comunidades pacificadas

porque o processo de pacificação vai além de garantir somente segurança e é, principalmente, uma questão de qualidade de vida. O projeto é da prefeitura, mas o objetivo é envolver toda a sociedade com as escolas de onde saem cidadãos formados para o mercado de trabalho. JOÃO BARRETO

Cursos que exigem formação acadêmica serão realizados por professores das próprias escolas


6

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Economia

NOTA

Chuva deixa regiões do Rio em estágio de atenção nesta terça

NOVA LEI

PEC das empregadas domésticas começa a valer a partir de hoje Carga horária e horas extras já estão em vigor, mas algumas mudanças ainda devem ser regulamentadas

DIVULGAÇÃO

Patricia Lucena patricia@odebateon.com.br

O

congresso nacional promulgou ontem (2) a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 66/12 que garante aos empregados domésticos direitos já assegurados aos demais trabalhadores. A proposta foi aprovada por unanimidade no Senado no último dia 26 de março. Com isso, os empregadores devem se adequar às mudanças a partir de hoje, quando a medida será publicada no “Diário Oficial da União”. Regras como a carga diária de trabalho de 8 horas e 44 horas por semana já entram em vigor hoje (3) com a publicação oficial. No entanto, direitos como o pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), seguro-desemprego e auxílio-creche ainda dependem de uma regulamentação para começarem a valer. Enquanto os empregados domésticos comemoram as novas medidas, os patrões afirmam que muitas regras não estão levando em conta o tipo de trabalho. “A lei coloca a empregada doméstica como uma funcionária de uma empresa, mas a minha casa não é uma empresa que gera lucro ou produz alguma coisa. Poucas pessoas aqui em Macaé têm empregada, porque

é difícil e a maioria delas já trabalha em alguma empresa com todos os direitos garantidos. Mas quem ainda tem, como eu, vai acabar mandando embora, porque não vou pagar como empresa sem ter os mesmos direitos que a empresa tem”, afirma a arquiteta Silvia Regina. A advogada Marcela reclama sobre o controle da carga diária obrigatória. “Vou precisar colocar um relógio de ponto na minha casa? Porque se a minha empregada ficar mais de oito horas vou precisar pagar hora extra. É impossível fazer esse controle.” A maioria das empregadas domésticas se diz feliz com as novas regras, mas afirma estar receosa quanto ao futuro delas nas residências. “Essas medidas são ótimas para nós. Temos mais direitos e isso é bom. Mas tem muito patrão que já está mandando embora, porque alega que não tem como cumprir todos os nossos direitos”, conta Marina, que trabalha como empregada doméstica há três anos. Em Macaé, o mais comum é as residências contratarem diaristas. Porém, é preciso atenção se o contrato for de mais de três dias por semana. Isso porque empregadas que trabalham esse período já são consideradas fixas e, por isso, têm direito às novas regras da PEC.

Empregadas domésticas garantem direitos trabalhistas com emenda constitucional

CONFIRA O QUE MUDA COM A PROMULGAÇÃO E O QUE AINDA PRECISA SER REGULAMENTADO:

O que já está valendo

› Duração do trabalho normal não

superior a 8 horas diárias e 44 horas semanais; › Remuneração da hora extra superior, no mínimo, em 50% à normal; › Reconhecimento das convenções e acordos coletivos de

MERCADO

KANÁ MANHÃES

trabalho;

Ainda deve ser regulamentado

› Auxílio-creche e pré-escola; › Fundo de garantia por tempo de

serviço (FGTS); › Relação de emprego protegida contra despedida arbitrária; › Remuneração do trabalho noturno superior ao diurno;

Sebrae lança convênio com a Petrobras Projeto visa preparar micro e pequenas empresas para fornecerem de petróleo e gás desde 2005, o Sebrae e a Petrobras vêm desenvolvendo na região da Bacia de Campos o Projeto Fortalecimento do Arranjo Produtivo Local de Petróleo, Gás e Energia da Bacia de Campos. O objetivo é inserir micro e pequenas empresas para que se tornem fornecedoras da cadeia de petróleo e gás. Ao todo, mais de 1,2 mil pequenos negócios da região já foram beneficiados. A nova edição do Convênio Petrobras-Sebrae foi lançada em março em Macaé e em Rio das Ostras, gerando oportunidades para que mais empresas possam se capacitar, abrindo

assim novos mercados. Um dos principais temas que serão trabalhados juntos às pequenas empresas participantes, por exemplo, são as regras da Agência Nacional de Petróleo para Conteúdo Local, já que a Petrobras, outras operadoras e as empresas fornecedoras devem passar a atestar um percentual cada vez maior nos componentes dos produtos e serviços fornecidos. Além disso, o convênio terá como foco o desenvolvimento de tecnologia e inovação, as certificações ISO 9000, a gestão da qualidade, entre outros pontos. “É fundamental que as pequenas empresas que pretendem fornecer para a cadeia de petróleo e gás estejam preparadas para atender às novas exigências. E para se preparar é preciso, primeiramente,

conhecer e buscar informação. Trata-se de um mercado bastante competitivo, mas que traz inúmeras oportunidades”, explica Gilberto Soares, Gerente Regional do Sebrae na Região Norte Fluminense. A expectativa é que o novo convênio atinja 70 empresas da região com aplicação do Plano de Desenvolvimento Empresarial e 500 empresas serão atendidas diretamente com ações do Convênio Sebrae-Petrobras. A participação no projeto é gratuita e os interessados em se inscrever devem comparecer aos eventos de apresentação do novo convênio. Durante os eventos, também será realizada a palestra “Oportunidades de Negócios na Cadeia de Petróleo e Gás”.

balho e indenização;

Direitos já assegurados antes da PEC

› Aposentadoria; › Aviso prévio proporcional ao

tempo de serviço;

› Férias anuais remuneradas com

1/3 a mais do que o salário normal;

› Licença à gestante de 120 dias; › Licença-paternidade; › Irredutibilidade do salário; › Repouso semanal remunerado, preferencialmente aos domingos;

› Salário mínimo; › Seguro contra acidentes de trabalho; › 13º salário;

MERCADO DE TRABALHO

Prefeitura oferece mais de 1,5 mil vagas nesta semana Os cargos com o maior número de postos são para representante de atendimento

A expectativa é que o novo convênio atinja 70 empresas da região

› Salário-família; › Seguro-desemprego; › Seguro contra acidente de tra-

nais uma semana começa com diversas oportunidades no município para quem está sem emprego. Ao todo, a Secretaria de Trabalho e Renda está oferecendo 1.595 vagas em diversas áreas para ambos os sexos. Os cargos com o maior número de postos de trabalho são: representante de atendimento (400), servente de obras (83), vendedor (46), carpinteiro (43), auxiliar de serviços gerais (37) e doméstica (33). Há vagas também para açougueiro, agente de ne-

gócios, ajudante de cozinha, analista de sistemas, assistente de vendas, atendente, auxiliar de produção, balconista, bombeiro hidráulico, corretor de imóveis, cozinheiro, eletricista, farmacêutico, mecânico, motorista, operador de supermercado. Além disso, a Prefeitura oferece oportunidades para pessoas com deficiência, como analista contábil, atendente, auxiliar administrativo, auxiliar de serviços gerais, representante de atendimento e técnico de agência. Os interessados devem comparecer à sede da Secretaria de Trabalho e Renda, na rua Doutor Télio Barreto, nº 28, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Os candidatos devem estar munidos de documentos originais (identidade, CPF e carteira de trabalho). Não é necessáro cópia e currículo atualizado. A candidatura às vagas é gratuita. De acordo com a Prefeitura, o objetivo das vagas anunciadas toda semana pela Secretaria de Trabalho e Renda é proporcionar aos profissionais uma recolocação no mercado de trabalho. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelos telefones (22) 2762-4518, 2762-4740, 2772-6495 e 2772-6845. Se preferir, o trabalhador pode se cadastrar no portal da Prefeitura: www.macae. rj.gov.br/trabalhoerenda. WANDERLEY GIL

Entre as vagas oferecidas, há oportunidades para pessoas com deficiência e estagiário


MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Geral

7

NOTA

Passeata azul lembra o Dia Mundial de Conscientização do Autismo

GRADUAÇÃO

UFRJ Macaé recebe 300 novos estudantes O Diretor Gilberto Dolejal Zanetti lembrou a chegada do primeiro curso da universidade à cidade, os desafios e superações KANÁ MANHÃES

Juliane Reis Juliane@odebateon.com.br

N

a tarde de ontem, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira deu as boas-vindas aos novos calouros do campus. A recepção dos acadêmicos foi realizada no Auditório Cláudio Ulpiano, na Cidade Universitária. O diretor do campus, Gilberto Dolejal Zanetti recebeu os estudantes e falou da nova etapa que eles começam a viver. “Estamos recebendo vocês com muito carinho. Vocês são bem-vindos ao Campus Macaé. E não se esqueçam: A principal moeda da universidade são vocês”, pontuou Gilberto. O profissional falou também da história da UFRJ e ressaltou que o Campus Macaé ainda é um campus em implantação e por isso as dificuldades existem. “Em maio o campus completa cinco ano e os cursos estão em fase de implantação, por isso em alguns momentos vamos passar por dificuldades. Estamos passando pela visita do MEC, dois cursos já receberam nota 4 e um nota 5. Esse ano os cursos de Nutrição e Enfermagem devem passar pelas avaliações e nossas expectativas são as melhores. É com esse peso de história de nota 4 e 5 que vocês estão entrando na universidade. No entanto nós temos várias questões a serem resol-

Os estudantes foram recebidos pelo diretor do Campus Macaé, coordenadores dos cursos e representantes da Superintendente Geral de Políticas Estudantis vidas, mas a principal delas é vocês terem orgulho de estar fazendo parte desse campus, de estar ajudando a construir essa história, a história da UFRJ em Macaé”, salientou. Após receber as boas-vindas do diretor do Campus, os alunos foram recebidos pelos coordenadores dos cursos, representantes da Secretaria Acadêmica e Setor de Bolsas, Monitoria, Estágios, Convênios e Acordos e represen-

tantes da Superintendente Geral de Políticas Estudantis da UFRJ. Ao todo, passam a fazer parte da universidade 120 alunos de Engenharia, 40 de Enfermagem, 40 de Nutrição, 50 de Farmácia e 25 de Licenciatura em Química e 30 de Ciências Biológicas. A seleção foi realizada por meio do Sistema de Seleção unificada mediante a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Neste processo seletivo não foram oferecidas vagas para o curso de Medicina. A previsão é de que sejam oferecidas vagas para o segundo semestre. A iniciativa, de acordo com a assessoria de imprensa do reitor da universidade, foi tomada visando resolver uma série de demandas do curso de Medicina na cidade, e no primeiro semestre do ano passado a reitoria iniciou uma série de ações, que

tinham o objetivo de garantir a adequação de laboratórios, salas de aula, contratação de professores e estabelecimento de convênios com a rede hospitalar local. Desde 2011 a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Macaé deu novo passo na interiorização do ensino e pesquisa na cidade e região. Com foco na busca do desenvolvimento de pesquisas voltadas para as questões

regionais, o Campus passou a oferecer, além das graduações, os Programas de Pós-Graduação em Ciências Ambientais e Conservação (PPG-CiAC) e Produtos Bioativos e Biociências (PPGPRODBIO). E ao longo de dois anos de atividades os “frutos” já começam a ser colhidos com as defesas das primeiras dissertações. E a previsão é de que em breve seja oferecido o curso de Doutorado em Ciências Ambientais.

AVALIAÇÃO

Estudantes de Macaé farão o Saerjinho 2013 WANDERLEY GIL

Sistema de avaliação do Governo do Estado foi adotado pela rede municipal e vai substituir a Prova Macaé a partir deste ano os estudantes dos 5º e 9º anos de Macaé vão participar do Sistema de Avaliação da Educação do Estado do Rio de Janeiro (Saerjinho). A prova que tem como objetivo analisar o desempenho dos alunos dos 5º e 9º anos de escolaridade da rede pública de ensino nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática será aplicada em duas etapas. A primeira está prevista para o dia 16 de abril em 53 escolas municipais. De acordo com a Prefeitura, aproximadamente 4500 alunos farão a avaliação. Sendo 1.553 alunos de 50 turmas do 9º ano de escolaridade e 2.843

O Saerjinho vai substituir a Prova Macaé e a previsão é de que a primeira etapa do exame seja aplicada no dia 16

de 111 turmas do 5º ano. Ainda segundo o órgão, o Sistema foi lançado na manhã da última segunda-feira (dia 1º) para diretores das 105 unidades da rede municipal de ensino e os dirigentes das unidades escolares receberam orientações específicas da coordenadoria de Avaliação do Norte Fluminense. O exame vai abranger quatro modelos de provas diferentes para as turmas dos 5º e 9º anos. Na região, segundo o órgão municipal, a aplicação do Sistema de Avaliação da Educação do Estado do Rio de Janeiro foi aderida por Macaé, São Francisco do Itabapoana, Cambuci, Conceição de Macabu e São Fidélis. “Com a adesão ao sistema de avaliação, a intenção da Prefeitura de Macaé é permitir um melhor planejamento pedagógico voltado para as competências básicas e também reforçar a qua-

UFRJ

KANÁ MANHÃES

Último dia de inscrição para Workshop de Ciência e Tecnologia Interessados podem se inscrever até esta quarta-feira, pelo <http://wctufrjmacae. wix.com/iiwct> a universidade federal do Rio de Janeiro (UFRJ), campus Macaé Professor Aloísio Teixeira encerra nesta quarta-feira, dia 3, o período de inscrições para o II Workshop de Ciência e Tecnologia do Campus. Os interessados podem se inscrever pelo http:// wctufrjmacae.wix.com/iiwct, por meio do envio do formulário de inscrição disponível na página. As atividades serão realizadas

entre os dias 8 e 10 de abril. A programação vai contar com palestras e minicursos de diferentes áreas do conhecimento, seguindo a tendência do desenvolvimento da multidisciplinaridade das áreas. Os minicursos a serem oferecidos são: Homeopatia, Incrustações em tubulações, Análise térmica, Controle de qualidade em fármacos e medicamentos, Introdução à difração de raios-x e cristalografia, Atividades lúdicas nos processos de ensino e aprendizagem em ciências, Introdução à cromatografia líquida, Nanomateriais, Bioinorgânica, Introdução ao controle de poluentes atmosféricos.

De acordo com a coordenadora do evento, Andrea Souza, até a data da prorrogação os valores dos minicursos permanecem os mesmos. Já a partir desta data, 8 de abril, serão alterados. A expectativa é de que o encontro promova uma discussão ampla do papel da Ciência desenvolvida por pesquisadores no cenário nacional e regional (Macaé) tendo em vista a sua importância para o desenvolvimento da ciência e de novas tecnologias para a sociedade brasileira. “O encontro possibilita a integração entre renomados pesquisadores, os professores e discentes do recém-criado

lidade de ensino dos que apresentam defasagem de idade e série. Além disso, a parceria entre os governos municipal e estadual segue a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional”, informou. Apesar do Saerjinho vir a substituir a Provinha Macaé, a prefeitura informa que a rede municipal contará ainda com a aplicação da Prova Brasil. “Para aderir ao Sistema de Avaliação da Educação do Estado do Rio de Janeiro - SAERJ, o município reforçou o compromisso de adotar as Orientações Curriculares para os anos iniciais do Ensino Fundamental e o Currículo Mínimo para os anos finais do Ensino Fundamental e a finalidade é traçar um diagnóstico detalhado de tudo o que os alunos aprenderam ou deixaram de aprender naquele período para posteriormente traçar mecanismos pedagógicos”, ressaltou.

O encontro será realizado na próxima semana Campus da UFRJ, em Macaé e possibilita aos discentes de diferentes cursos (Química, Farmácia, Engenharia, Biologia, entre outros) a oportunidade de conhecer temas de interesse tecnológico e pesquisadores e/ou professores de diferentes

instituições de ensino e pesquisa do Brasil”, explicou. Estudantes dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Química, Farmácia, Biologia e Engenharia e também os docentes dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Química

da UFRJ-Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira participam da comissão organizadora. Outras informações sobre o evento podem ser obtidas na programação completa disponível em <http://wctufrjmacae. wix.com/iiwct>.


8 Geral

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

MEIO AMBIENTE

Inea divulga novo boletim de balneabilidade das praias de Macaé Estão liberadas para banho as praias dos Cavaleiros, Campista, Pecado e Lagomar Marianna Fontes marifontes@odebateon.com.br

M

esmo com o fim do verão, como as temperaturas ainda estão elevadas, as principais praias do município ainda registram grande movimento. Para evitar que a diversão se torne um problema de saúde, a população deve ficar atenta às praias recomendadas ou não para o banho. Macaé conta com nove praias, porém a situação da balneabilidade tira muitos pontos do município. Assim como as cidades do Rio de Janeiro e Niterói, por exemplo, o município também sofre com o problema de ter praias liberadas e impróprias para o banho. Para alertar os banhistas, a Prefeitura de Macaé coloca placas em pontos estratégicos para alertar a poINFORMAÇÕES

PRAIAS PRÓPRIAS › Cavaleiros › Campista › Pecado › Lagomar PRAIAS IMPRÓPRIAS › Barra › Aeroporto › Forte › Barreto › Lagoa de Imboassica › Imbetiba

pulação sobre o resultado dos últimos exames. De acordo com o último relatório apresentado pelo Inea, com base nos dados laboratoriais consolidados entre os dias 22 de janeiro de 2013 e 19 de março deste ano, as praias próprias para banho são as dos Cavaleiros, Campista, Pecado e Lagomar (44%). Ao contrário do Lagomar que é pouco frequentado por conta de ser uma praia com fortes ondas, as outras são consideradas as mais frequentadas da cidade, atraindo banhistas e surfistas. Já na Barra, Imbetiba, Barreto, Forte e Aeroporto a situação não é nada satisfatória. O banho nesses pontos deve ser evitado. Ao contrário do que vinha acontecendo nos últimos resultados, dessa vez a cidade apresentou novamente um número maior de praias reprovadas (56%). Outro ponto em que o Inea vem realizando os exames laboratoriais, a Lagoa de Imboassica, voltou a ter seus índices reprovados. No relatório anterior divulgado, o local havia apresentado a água própria para o banho, situação atípica, pois, apesar dos investimentos nos últimos anos, a lagoa ainda sofre com o despejo constante de esgoto in natura. A metodologia de medição aplicada é composta por, no mínimo, cinco análises feitas em cada ponto. De acordo com

KANÁ MANHÃES

Inea aconselha a todos que evitem tomar banho de mar nas 24 horas após as chuvas Resolução Conama nº 020, pelo menos 80% das amostragens devem estar próprias para a praia ser liberada para o banho. Entre as análises, está a de quantidade de coliformes fecais, que indica se a água foi

contaminada com esgoto. Já em Rio das Ostras, município próximo e muito frequentado por turistas nessa época do ano, apesar da maioria das praias estar liberada para o banho, boa parte delas também

teve os índices reprovados. Estão liberadas as praias: Areia Negra, Remanso, Costazul e Lagoa de Iriri. Já as praias Joana, Cemitério, Mar do Norte , Centro e Tartarugas não são recomendadas para o banho.

O Inea aconselha a todos que evitem tomar banho de mar até nas praias com bons índices, nas 24 horas após as chuvas. De acordo com o órgão, essas mudanças climáticas podem interferir na qualidade da água.

JARDIM SANTO ANTÔNIO

Área nobre solicita serviços de manutenção População pede limpeza do bairro e revitalização de praça cansados de promessas, os moradores do Jardim Santo Antônio procuraram mais uma vez a equipe do jornal O DEBATE essa semana para reivindicar as melhorias no bairro. Essa área nobre existe há um pouco mais de 30 anos e vem sofrendo com a carência de alguns serviços. A população cobra das autoridades alguns serviços de manutenção, que já foram prometidos. “O bairro carece de manutencão. Só temos um varredor para atender a todas as ruas, situação que não tem como. Por conta disso, as ruas ficam sujas. Já o serviço de capina chegou a ser feito em alguns pontos, mas como eles param e demoram para retomar, quando voltam a parte onde os serviços foram feitos já está sofrendo novamente com o problema. Eles fizeram uma limpeza parcial há três semanas que já cresceu. São pequenas coisas

que estão trazendo transtornos para nós. É preciso que nos deem uma posição, a comunidade convida as autoridades responsáveis para virem aqui e conversar com a gente, traçarmos juntos um cronograma”, fala o presidente da Associação de Moradores do Jardim Santo Antônio, Marcos Rocha, conhecido como “Marcos Pelé”. Outra reivindicação de quem vive ali é em relação à área de lazer do bairro, que está em situação crítica. Sem receber manutenção há um bom tempo, as quadras e o parquinho estão em péssimas condições de uso. O campo de futebol de grama está com o alambrado quebrado e com os gols sem redes. Já a grama precisa ser trocada, assim como foi feito recentemente no campo de futebol da praça do Bairro da Glória. Por conta disso, Marcos conta que na semana retrasada uma criança se acidentou enquanto brincava no local. “Tem que tomar providências para evitar que outra criança ou jovem se

machuque”, frisa. Já a quadra poliesportiva está em condições piores. Ela está com várias coisas quebradas, trincada, passiva de interdição. O parquinho também tem alguns brinquedos danificados pelo tempo e pela ação de vândalos. Se a situação permanecer do mesmo jeito a tendência é piorar, o que pode tornar a diversão em uma atividade de risco para os menores. “Se for para ficar desse jeito, a Defesa Civil precisa vir aqui, avaliar e interditar. Mas o que a gente quer mesmo é que essa área seja revitalizada para uso dos próprios moradores”, completa. Procurada, a Prefeitura informou que a solicitação dos moradores foi reforçada aos setores responsáveis para que as providências sejam tomadas. Ela explica que o atraso em realizar serviços no bairro é decorrente de outras demandas pela cidade emergenciais que estão sendo atendidas nesse momento, porém todas as questões solicitadas serão atendidas com o tempo.

KANÁ MANHÃES

Única área de lazer do bairro está abandonada há anos

BARRA DE MACAÉ

Nova turma para o curso de inglês comunitário é aberta Inscrições podem ser feitas na associação de moradores até o dia 20 a língua inglesa é considerada um requisito fundamental na hora de arrumar um bom emprego. Visando essa necessidade, cada vez mais surgem cursos particulares, porém, muitas pessoas carentes ainda não têm acesso a esse idioma por conta das condições financeiras. A fim de mudar esse quadro em Macaé, a Associação de Moradores da Barra de Macaé está oferecendo curso básico de inglês para os moradores da comunidade e do entorno. Diante da grande procura pelo curso, a associação resolveu abrir uma nova turma. As inscrições podem ser feitas até o dia 20 de abril, porém os interessados devem correr para garantir sua vaga. Esse serviço de

qualificação para a população é fruto de uma parceria da associação com a Iesa e o Sistema Firjam (Sesi). Para se inscrever não precisa ser necessariamente morador da Barra de Macaé. Muitas pessoas de comunidades do entorno, como Nova Holanda, Nova Esperança e Fronteira, e mais distantes, como Lagomar, podem participar. O curso é oferecido para jovens e adultos, a partir dos 14 anos. As vagas são limitadas. Os interessados devem levar no dia da inscrição, que está sendo feita na sede da Associação de Moradores da Barra, as cópias dos seguintes documentos: CPF, RG, certidão de nascimento ou de casamento, comprovante de residência e comprovante de escolaridade (se é estudante do ensino fundamental ou médio ou conclusão do último). No caso dos menores de 18 anos é

exigido também a cópia do CPF e RG do responsável. Desde que começou a ser oferecido o curso, cerca de 80 pessoas se formaram. Sempre no final do curso, os alunos recebem um certificado de conclusão. Todo o material didático também é oferecido pela Firjan. Em parceria, desde 2011, com a IESA, o Sesi, o Senai e a Firjan, a Associação, liderada por Rogélio Correa Flores há oito anos, tem promovido outros cursos além do inglês básico.

São eles os de ensino médio (EJA), fundamental, espanhol, informática e Cozinha Brasil. “Esses cursos são de extrema importância para nós da associação e para os moradores, que são na maioria pessoas carentes que não têm condições de pagar. Se não fossem as parcerias que temos, a Associação da Barra estaria de portas fechadas”, afirma o presidente da Associação de Moradores da Barra de Macaé, Rogélio Flores.

MARIANNA FONTES

Curso é fruto de uma parceria da associação com a Iesa e o Sistema Firjam (Sesi)


9

Macaé, quarta-feira, 3 de abril de 2013 ESTADO DO RIO DE JANEIRO

11

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

12

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Nº 012 / 2012 rev. 01 _ mar / 13

Creatinina

Teste

Desidrogenase Láctica (LDH)

Teste

25.000

WIENER

R$

1,148

R$

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

3.500

WIENER

R$

2,168

R$

7.588,00

13

Ferro

Teste

500

WIENER

R$

1,148

R$

574,00

14

Fosfatase Alcalina (ALP)

Teste

3.500

WIENER

R$

1,148

R$

4.018,00

15

Fósforo

Teste

3.000

WIENER

R$

1,148

R$

3.444,00

16

Gama GT

Teste

3.500

WIENER

R$

1,148

R$

4.018,00

OBJETO: AQUISIÇÃO DE DIETAS ENTERAIS EM SISTEMA FECHADO, FÓRMULAS INFANTIS E SUPLEMENTAÇÃO

17

Glicose

Teste

25.000

WIENER

R$

1,148

R$

28.700,00

ALIMENTAR ( NUTRIÇÃO ENTERAL ) visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal - HPM.

18

Lipase

Teste

2.000

WIENER

R$

1,148

R$

2.296,00

19

Magnésio

Teste

10.000

WIENER

R$

1,148

R$

11.480,00

20

Proteína total

Teste

3.000

WIENER

R$

1,148

R$

3.444,00

21

Transaminase Oxalacética (TGO – AST)

Teste

6.000

WIENER

R$

1,148

R$

6.888,00

22

Transaminase Pirúvica (TGP - ALT)

Teste

6.000

WIENER

R$

1,148

R$

6.888,00

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: NUTRIC NUTRICIONAL COMÉRCIO LTDA CNPJ Nº 01.925.587/0001-02 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 101 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 013 / 2012

PRAZO: 12 (doze) meses INÍCIO: 18 / 05 /2012 TÉRMINO: 17 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 610.200,00 (seiscentos e dez mil e duzentos reais) ITEM

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

VALOR UNIT.

MARCA

VALOR TOTAL

Dieta enteral, líquida, nutricionalmente

ESTADO DO RIO DE JANEIRO

28.700,00

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Nº 017 / 2012 rev. 01 _ fev / 13 INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: SANEWS DISTRIBUIDORA DE PRODUTOS PARA LABORATÓRIOS LTDA CNPJ Nº 02.842.909/0001-12 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 092 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 012 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal - HPM. PRAZO: 12 (doze) meses INÍCIO: 24 / 05 /2012 TÉRMINO: 23 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 109.701,83 (cento e nove mil setecentos e um reais e oitenta e três centavos)

ITEM

UN.

QUANT.

Beta HCG para sangue e urina – kit com 50 testes

KIT

45

Dengue IgG e IgM 25 testes

KIT

25

KIT

10

3

Sangue oculto nas fezes – sem dieta – anticorpos específicos para hemoglobina humana HIV teste rápido que atenda a legislação Estadual e Federal – com 100 testes

KIT

4

completa para uso infantil na faixa

23

etária de 0 a 12 meses com 1Kcal/ml, 2,6g de proteína/100ml, com relação 1

soro

de

leite

e

caseína

60:40,

24 UND

800

DANONE

R$

23,000

R$ 18.400,00

25

acrescida de prebióticos. Embalagem de 100 ml contendo adaptador e

Teste

Uréia

Teste

PCR de alta sensibilidade

Teste

Teste

500

WIENER

R$

12,780

R$

6.390,00

nutricionalmente completo, para uso

28

Microalbuminúria

Teste

1.500

WIENER

R$

9,735

R$

14.602,50

29

Transferrina Turbi

Teste

200

WIENER

R$

9,023

R$

1.804,60

30

Proteinúria

Teste

2.000

WIENER

R$

1,373

R$

2.746,00

31

PCR turbidimetrico

Teste

2.000

WIENER

R$

5,250

R$

10.500,00

lactose e glúten, com adição de vitaminas e minerais, obedecendo às

UND

800

DANONE

R$

90,000

R$ 72.000,00

fechado

500ml.

REF:

STANDARD alimentar,

DANONE

10.500

Frasco de hemocultura aeróbia infantil Frasco

10.500

3

Frasco de hemocultura anaeróbio infantil

Frasco

5.000

4

Frasco de identificação BAAR em todos materiais biológicos

Frasco

400

2

hipercalórico (1,5

com mix de carotenóides e com mix de 6 fibras, regulariza o trânsito intestinal,

UND

800

R$

25,000

R$ 20.000,00

de

200ml.

Sabores:

chocolate,

2

morango e baunilha. REF: FORTINI MULTI Dieta

FIBER 200ML enteral nutricionalmente

completa, (>1,2

polimérica,

kcal),

3

FORTINI DANONE

4

hipercalórica

normoprotéico,

sem

5

sacarose, lactose e glúten, com adição de fibras solúveis e insolúveis (mínimo 10g/l), de vitaminas e minerais, com ou sem

sabor,

acondicionado

em

6 UND

1000

R$

140,000

R$ 140.000,00

embalagem com no 1000 ml sistema

características

do

produto.

FRESUBIN

ENERGY

REF:

9

FIBER,

NUTRISON ENERGY MULTIFIBER Fórmula infantil em pó, elementar,

10

NUTRISON SUPPORT

11

nutricionalmente completa, com 100% dos aminoácidos livres, polímeros de

12

glicose (100% maltodextrina), com óleos vegetais e isento de LC-pufas,

UND

10

R$

450,000

R$ 4.500,00

com adição de vitaminas, minerais e oligoelementos,

acondicionado

embalagem

com

400g,

em REF:

15

NEOCATE DANONE

16

polimérica, normocalórica

(1,0 -1,2 kcal/ml), normoprotéica (14-

17

16%).Sem sacarose, lactose e glúten, com adição de vitaminas e minerais,

UND

2000

R$

140,000

R$ 280.000,00

com ou sem sabor. Apresentação em

Isosource Std, Nutrison Std, Fresubin original, dieta enteral,

18 19

sistema fechado de 1 Litro. Ref:

Alimento

13 14

NEOCATE 400G Dieta enteral, líquida, nutricionalmente completa,

7 8

fechado, contendo a descrição das

20 NUTRISON DANONE

líquido,

21

nutricionalmente completo, polimérico, hipercalórico

22

(1,5kcal/ml),

normoprotéico, com sacarose, sem

23

lactose e glúten, com adição de vitaminas e minerais, com ou sem

UND

1200

R$

23,000

R$ 27.600,00

sabor, acondicionado em embalagem com no mínimo 200ml, contendo a descrição

das

características

do

produto.

REF:

NUTREN

1.5,

26 NUTRIDRINK DANONE

27

para a alimentação de lactentes, no 2º

28

semestre de vida, enriquecido com 1mg/100kcal, mínimo

contando

60kcl/100ml

reconstituído,

com de

no

acondicionado

conter

8

29

leite

mg/100kcal

30

em

embalagem com 400g; o produto deverá

24 25

NUTRIDRINK Leite em pó, a base de leite de vaca,

UND

200

R$

16,000

R$ 3.200,00

de

31 32

vitamina C, no mínimo, caso o ferro utilizado para o enriquecimento esteja

33

na forma "sal de ferro", acrescido ou não de amido pré gelatinizado. REF:,

34

Nan 2, , Aptamil 2, Nestogeno 2. Alimento dietético, pó, fórmula infantil,

e

fisiológicas

prematuros e/ou recém-nascidos de baixo-peso, com proteínas do leite,

glicose, com ou sem sacarose, com ou

UND

Teste

200

FSH

Teste

200

LH

Teste

200

Progesterona

Teste

200

Prolactina

Teste

200

Testosterona total

Teste

200

Treponema

Teste

100

T4

Teste

400

T4 livre

Teste

400

TSH ultra

Teste

400

PSA total

Teste

400

PSA livre

Teste

100

HAV total

e

500

R$

75,000

R$ 37.500,00

Teste

200

HBsAg

Teste

200

Anti HBs

Teste

200

HBC total(IgG)

Teste

200

HBC IgM

Teste

200

HBeAg

Teste

200

Anti- HBe

Teste

200

Toxoplasmose IgG

Teste

300

Toxoplasmose IgM Toxoplasmose Avidez

Pré. Alimento dietético - fórmula infantil à

Troponina

Teste

1.200

Mioglobina

Teste

1.200

CKMB massa

Teste

1.200

CMV IgG

Teste

200

CMV IgM

Teste

200

CMV Avidez

Teste

100

Rubéola IgG

Teste

300

Rubéola IgM

Teste

300

EBV IgG

Teste

100

EBV IgM

Teste

100

HCG

Teste

200

2

Teste de Identificação de Gram negativo com TSA e MIC

UND

3.000

3

Teste de identificação de leveduras com TSA

UND

200

4 UND

200

R$

35,000

R$ 7.000,00

alimentação de lactentes desde o

5 6

nascimento até o 6 º mês de vida. Nan

Soy,

Aptamil

Soja

1.

7

APTAMIL SOJ TOTAL REGISTRADO

R$ 610.200,00

8 ESTADO DO RIO DE JANEIRO

9

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

10

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Nº 014 / 2012 rev. 01 _ fev / 13

11 12

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: FDA COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE PRODUTOS CIENTÍFICOS LTDA

13

NOVA RAZÃO SOCIAL: DIAG PRIME COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE PRODUTOS CIENTÍFICOS LTDA

14

CNPJ Nº 02.016.542/0001-88

15

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 092 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 012 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando PRAZO: 12 (doze) meses

18

INÍCIO: 24 / 05 /2012 TÉRMINO: 23 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 1.758.565,44 (hum milhão setecentos e cinquenta e oito mil quinhentos e sessenta e cinco reais e quarenta e quatro centavos) ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

16 17

atender as necessidades do Hospital Público Municipal - HPM.

ITEM

UN.

QUANT.

MARCA

19 20

VALOR

VALOR TOTAL

UNIT.

LOTE 1 _ BIOQUIMICA CLINICA

21 22

Ácido Úrico

Teste

2.000

WIENER

R$

1,148

R$

2.296,00

2

Amilase

Teste

2.000

WIENER

R$

1,148

R$

2.296,00

3

Albumina

Teste

3.500

WIENER

R$

1,148

R$

4.018,00

7 8 9 10

Bilirrubina total Bilirrubina direta Cálcio total Colesterol total Colesterol HDL Direto

100

4.000

3

com ou sem sacarose, acrescida de L-

REF:

Teste

300

UND

2

APTAMIL PRE DANONE

base de proteína de soja, sem lactose,

em

Teste

Teste de identificação para Gram positivo com TSA e MIC

1

mínimo 400g. REF: Pré-Nan, Aptamil

acondiconado

200

1

oligoelementos.

embalagem de 400g, destinado à

BIOMERIEUX R$

22,163

R$

232.711,50

BIOMERIEUX R$

22,163

R$

232.711,50

BIOMERIEUX R$

22,163

R$

110.815,00

BIOMERIEUX R$

27,750

R$

11.100,00

DIASORIN

R$

18,075

R$

3.615,00

DIASORIN

R$

12,825

R$

2.565,00

DIASORIN

R$

12,870

R$

2.574,00

DIASORIN

R$

14,438

R$

2.887,60

DIASORIN

R$

14,438

R$

2.887,60

DIASORIN

R$

15,000

R$

3.000,00

Teste Teste Teste Teste Teste

6.000 6.000 6.000 1.000 1.000

WIENER WIENER WIENER WIENER WIENER

7

1

1

R$

26,250

R$

2.625,00

R$

12,870

R$

5.148,00

DIASORIN

R$

12,870

R$

5.148,00

2

DIASORIN

R$

12,870

R$

5.148,00

3

DIASORIN

R$

22,425

R$

8.970,00

R$

25,155

R$

2.515,50

DIASORIN

R$

14,228

R$

2.845,60

DIASORIN

R$

25,013

R$

5.002,60

DIASORIN

R$

15,180

R$

3.036,00

DIASORIN

R$

17,078

R$

3.415,60

DIASORIN

R$

14,228

R$

2.845,60

DIASORIN

R$

16,388

R$

3.277,60

DIASORIN

R$

24,248

R$

4.849,60

DIASORIN

R$

27,600

R$

5.520,00

DIASORIN

R$

16,965

R$

5.089,50

DIASORIN

R$

16,965

R$

5.089,50

DIASORIN

R$

25,260

R$

2.526,00

DIASORIN

R$

14,040

R$

16.848,00

DIASORIN

R$

12,285

R$

14.742,00

DIASORIN

R$

12,285

R$

14.742,00

DIASORIN

R$

12,285

R$

2.457,00

DIASORIN

R$

16,335

R$

3.267,00

DIASORIN

R$

23,460

R$

2.346,00

DIASORIN

R$

16,380

R$

4.914,00

DIASORIN

R$

16,950

R$

5.085,00

DIASORIN

R$

16,950

R$

1.695,00

DIASORIN

R$

16,950

R$

1.695,00

DIASORIN

R$

12,870

R$

2.574,00

BIOMERIEUX R$

35,063

R$

140.252,00

BIOMERIEUX R$

35,063

R$

105.189,00

BIOMERIEUX R$

35,063

R$

7.012,60

R$ R$ R$ R$ R$

1,148 1,148 1,148 1,148 3,510

R$ R$ R$ R$ R$

6.888,00 6.888,00 6.888,00 1.148,00 3.510,00

CPK

Teste

7.000

WIENER

R$

3,330

R$

23.310,00

CKMB

Teste

7.000

WIENER

R$

3,503

R$

24.521,00

23 24 25 26 27 28 29 30

Teste

420

T4

Teste

420

T4L

Teste

420

TSH ULTRA

Teste

420

Troponina

Teste

9.000

Mioglobina Ckmb massa

Teste Teste

9.000 240

HIV 1 e 2 dupla marcação – atígeno e anticorpo individualizados

Teste

Dímero D

Teste

180

NT pro BNP

Teste

120

Procalcitonina

Teste

480

IgE total

Teste

240

Toxo IgG

Teste

240

Toxo IgM

Teste

240

BIOMERIEUX R$

12,105

R$

5.084,10

BIOMERIEUX R$

15,098

R$

6.341,16

BIOMERIEUX R$

15,098

R$

6.341,16

BIOMERIEUX R$

15,098

R$

6.341,16

BIOMERIEUX R$

15,165

R$

136.485,00

BIOMERIEUX R$

15,240

R$

137.160,00

BIOMERIEUX R$

12,210

R$

2.930,40

1

4 5 6 7

Toxo avidez

Teste

120

Rubeola IgG

Teste

240

Rubeola IgM

Teste

240

CMV IgG

Teste

240

CMV IgM

Teste

240

Ferritina

Teste

240

HCG

Teste

600

EBV IgG

Teste

240

EBV IgM

Teste

240

HAV IgG

Teste

180

HAV IgM

Teste

180

HBSAG

Teste

480

Anti HBS

Teste

480

Anti HBC total

Teste

240

Anti HBC IgM

Teste

240

Anti HBE\HBEAG

Teste

240

R$

41.682,50

HBsAg com 40 testes

KIT

40

Anti HCV com 100 testes

KIT

100

MBIOLOG

R$

7,140

R$

285,60

Troponina com 25 testes

KIT

15

BIOEASY

R$

60,060

R$

6.006,00

BIOEASY

R$

64,680

R$

Rota vírus com 25 testes

KIT

4

970,20

BIOEASY

R$

221,900

R$

887,60

Teste Teste para detecção de antígeno do vírus dengue NS1/anticorpo do capcídeo viral por metodologia imunocromatografia com capacidade de detecção precoce a partir de 24 horas do início dos sintomas até o final do período de viremia (4º - 5º dia)

BIOEASY

R$

20,181

R$

12.108,60

BIO RAD

R$

1.680,000

R$

20.160,00

600

Kit em látex para identificação de meningites c/ 25 testes para os seguintes antígenos: N. meningitidis A, N. meningitidis B, E. coli K1, N. meningitidis C, N. meningitidis Y, N. meningitidis W, S. pneumoniae, Streptococcus B e H. influenzae tipo b.

KIT

12

Soro anti-A (frasco – 10 ml) Soro anti-B (frasco – 10 ml) Soro anti-AB (frasco – 10 ml) Albumina a 22% (frasco – 10 ml) Soro anti D monoclonal ( Rh ) Soro anti D Policlonal ( Rh ) Soro de Coombs

Fr

20

BIOEASY

R$

18,000

R$

360,00

Fr

20

BIOEASY

R$

18,000

R$

360,00

Fr

3

BIOEASY

R$

18,000

R$

54,00

Fr

10

BIOEASY

R$

23,387

R$

233,87

Fr

25

BIOEASY

R$

35,609

R$

890,23

Fr

7

BIOEASY

R$

35,609

R$

249,26

Fr

7

BIOEASY

R$

23,000

R$

161,00

R$

18,900

R$

850,50

KIT

15

NEWPROV

R$

40,600

R$

609,00

KIT

5

BIOCLIN

R$

37,380

R$

186,90

KIT

5

NEWPROV

R$

56,770

R$

283,85

KIT

20

NEWPROV

R$

128,940

R$

2.578,80

3

4 5 6

Kit de corantes para microscopia de coloração rápida (método de imersão) de esfregaços sangüíneos ( Hematologia ) Kit para monotest Kit para reação de Widal Kit de descontaminação para cultura de BK LOTE 17 _ PAPELARIA

1

Lâmpada para microscópio halogênia 6v 20 w, de procedência alemã

UND

25

OSRAN

R$

35,707

R$

892,68

2

Lápis dermográfico azul – caixa com 12 un

CAIXA

20

DIXSON

R$

56,700

R$

1.134,00

3

Lápis dermográfico preto – caixa com 12 un

CAIXA

5

DIXSON

R$

55,993

R$

279,97

UND

40

PILOT

R$

7,434

R$

297,36

UND

50

JPROLAB

R$

8,568

R$

428,40

Álcool etílico – p.a

LITRO

3

ISOFAR

R$

11,130

R$

33,39

Álcool isopropílico

LITRO

2

ISOFAR

R$

18,130

R$

36,26

Álcool metílico - p.a

LITRO

6

ISOFAR

R$

22,260

R$

133,56

5

Papel filtro p/ teste de sangramento c/ 100

PACO TE

20

BIOEASY

R$

22,400

R$

448,00

6

Pote para coleta de urina 50 ml não esteril

UND

10.000

CRALPLAST

R$

0,252

R$

2.520,00

Pote p/ coleta de urina 50 ml esteril

UND

3.000

CRALPLAST

R$

0,357

R$

1.071,00

8

Lâmina para microscopia borda fosca c/ 100

CAIXA

250

CRALPLAST

R$

2,660

R$

665,00

9

Lamínulas para microscopia 20x20 c/ 100

CAIXA

90

CRALPLAST

R$

2,730

R$

245,70

Hipoclorito de sódio 2%

LITRO

100

RIOQUIMICA

R$

16,632

R$

1.663,20

Hipoclorito de sódio de 4 % PA

LITRO

10

RIOQUIMICA

R$

16,632

R$

166,32

Algodão hidrófilo de 500 g

PACO TE

30

NATHALYA

R$

23,870

R$

716,10

Gaze não estéril 7,5 cm x 7,5 cm 8 dobras 500 un

PACO TE

30

MEDGAUZE

R$

18,018

R$

540,54

Fita para autoclave com indicador

UND

50

3M

R$

36,190

R$

1.809,50

Pipeta para VHS descartáveis com tubo coletor próprio.

UND

300

CRALPLAST

R$

0,780

R$

234,00

LITRO

10

NEWPROV

R$

29,610

R$

296,10

KIT

20

NEWPROV

R$

22,386

R$

447,72

Teste biológico para validar autoclave

FRASC O

7

CRISTÓFOLI

R$

41,496

R$

290,47

Corante numero 01(fixador) rápido hematologia

FRASC O

15

NEWPROV

R$

59,514

R$

892,71

un.

3000

CRALPLAST

R$

0,056

R$

168,00

un.

2000

CRALPLAST

R$

0,056

R$

112,00

un.

3

CRALPLAST

R$

206,500

R$

619,50

un.

3

CRALPLAST

R$

206,500

R$

619,50

un.

6

JPROLAB

R$

21,000

R$

126,00

pacote

1500

CRALPLAST

R$

2,401

R$

3.601,50

pacote

400

CRALPLAST

R$

2,366

R$

946,40

Placa de 90 mm de agar sangue/chocolate suple.

UND

2000

NEWPROV

R$

3,640

R$

7.280,00

Placa de 90 mm agar sangue

UND

2500

NEWPROV

R$

3,913

R$

9.782,50

Placa de 90 mm agar cromogênico

UND

2000

NEWPROV

R$

3,920

R$

7.840,00

Placa de 90 mm agar mackonkey

UND

2000

NEWPROV

R$

3,150

R$

6.300,00

Placa de 90 mm agar ss

UND

100

NEWPROV

R$

3,164

R$

316,40

Placa de 90 mm agar BHI/vancomicina

UND

200

NEWPROV

R$

3,493

R$

698,60

Placa de90 mm agar Mueller Hinton

UND

350

NEWPROV

R$

3,150

R$

1.102,50

TOTAL REGISTRADO R$

109.701,83

4

Caneta de retroprojetor LOTE 18 _ OUTROS

1 2 3 4

7

11 12 13

16

18 19

R$

13.348,80

R$

5.896,80

BIOMERIEUX R$

23,288

R$

5.589,12

BIOMERIEUX R$

25,480

R$

6.115,20

BIOMERIEUX R$

25,275

R$

3.033,00

BIOMERIEUX R$

19,223

R$

4.613,52

BIOMERIEUX R$

33,120

R$

7.948,80

BIOMERIEUX R$

16,965

R$

4.071,60

BIOMERIEUX R$

28,080

R$

6.739,20

BIOMERIEUX R$

20,475

R$

4.914,00

BIOMERIEUX R$

12,870

R$

7.722,00

BIOMERIEUX R$

17,550

R$

4.212,00

BIOMERIEUX R$

16,238

R$

3.897,12

BIOMERIEUX R$

10,200

R$

1.836,00

BIOMERIEUX R$

15,375

R$

2.767,50

BIOMERIEUX R$

18,720

R$

8.985,60

3

BIOMERIEUX R$

32,175

R$

15.444,00

4

7.722,00

5

Coletor de urina 24 horas em polipropileno p/ 2000 ml

Reagente álcool – ácido para BAAR Reagente para proteinúria 50 ml

LOTE 19 _ PIPETAS AUTOMÁTICAS

1 2

Ponteiras amarelas para micropipeta de 10 ul Ponteira azul para micropipeta de 500 ul Pipeta automática com dispensador de

3 ponteiras – de 0 a100 ul ( microlitros) Pipeta automática com dispensador de 4

5

1 2

9.882,00

2.129,40

LABORCLIN

24,570

1.758.565,44

R$

45

27,810

R$

70,980

KIT

BIOMERIEUX R$

41,175

R$

Kit para testes de VDRL – kit com 250 testes

BIOMERIEUX R$

TOTAL REGISTRADO R$

BIOEASY

30

2

7.020,00

BIOMERIEUX R$

756,70

110,95

R$

8.424,00

R$

R$

58,500

R$

75,670

55,475

BIOMERIEUX R$

35,100

R$

R$

6.739,20

BIOMERIEUX R$

BIOEASY

BIOEASY

R$

R$

2.730,00

2

37,440

32,175

1.984,50

R$

KIT

BIOMERIEUX R$

BIOMERIEUX R$

R$

109,200

Kit para identificação de rotavírus kit com 30 testes (látex).

17

16,673

44,100

R$

1

15

BIOMERIEUX R$

R$

BIOEASY

LOTE 16 _ REAGENTES DIVERSOS

14

2.500

BIOEASY

LOTE 15 _ TIPAGEM SANGUÍNEA

10

T3

VALOR TOTAL

LOTE 14 _ LÁTEX PARA MENIGITE

DIASORIN

DIASORIN

VALOR UNIT.

LOTE 13 _ DENGUE NS1 ANTÍGENO/ANTICORPO DUPLA MARCAÇÃO

DIASORIN

LOTE 10 _ IMUNOLOGIA E HORMÔNIOS II

Acondicionado em embalagem de no

metionina,

Teste

HAV IgM

sem lactose, com adição de vitaminas, minerais

5

LOTE 8 _ MICROBIOLOGIA

de

aminoácidos essenciais, polímeros de

Estradiol

APTAMIL DANONE

destinado a atender as necessidades nutricionais

2

LOTE 7 _ IMUNOLOGIA E HORMÔNIOS I 1

Apresentação em embalagem plástica

1

8

Frasco de hemocultura aeróbia adulto Frasco

1

MARCA

LOTE 11_ IMUNOCROMATOGRAFIA (Teste Rápido)

6

LOTE 6 _ HEMOCULTURA

isento de sacarose, lactose e glúten.

6

8.183,00

Fator Reumatóide

patir de 1 ano de idade. Enriquecido

5

R$

27

Kcal/ml), adequado para crianças a

4

8,183

100ML líquido,

enteral,

oral ou enteral,

1

R$

4.091,50

nutricionalmente completo, para uso

27

WIENER

R$

NUTRINI Suplemento

22

28.700,00

8,183

Sistema

21

1.722,00

R$

R$

de 1 a 6 anos, com ou sem sabor.

12

R$

1,148

WIENER

recomendações diárias para crianças

10

1,148

R$

500

(1,0 a 1,2 kcal/ml), sem sacarose,

8

1.000

R$

WIENER

Teste

pediátrico, polimérico, normocalórico

6

25.000

WIENER

ASO

INFATRINI Alimento dieta

4

1.500

26

equipo apropriado para o envase. REF:

3

Triglicerídeos

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

1 2

6 7

ponteiras – de 0 a 200 ul ( microlitros) Pêra ou similar para pipetas de 1ml a 10 ml LOTE 20 _ ALÇA DESCARTÁVEL E ESTÉRIL CALIBRADAS Alça de 1 microlitro pacote com 10 unidades Alça de 10 microlitros pacote com 10 unidades LOTE 21 _ MEIO DE CULTURA EM PLACAS PRONTAS PARA USO


10

Macaé, quarta-feira, 3 de abril de 2013 ESTADO DO RIO DE JANEIRO

LOTE 17 _ MEIO DE CULTURA

13

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

1

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Nº 018 / 2012 rev. 01 _ fev / 13

2 3

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: SG TECNOLOGIA CLÍNICA LTDA

4

CNPJ Nº 61.485.900/0005-94

5

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 092 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 012 / 2012

6

OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal - HPM. PRAZO: 12 (doze) meses

7 8

INÍCIO: 24 / 05 /2012

9

TÉRMINO: 23 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 311.850,00 (trezentos e onze mil oitocentos e cinquenta reais)

ITEM

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

10 VALOR

MARCA

LOTE 4 _ HEMATOLOGIA

1

Reagente para HEMATOLOGIA com cessão de equipamento conforme especificações constantes no Anexo I item 2.4 deste Edital.

teste

VALOR TOTAL

UNIT.

11 12

75.000 HORIBA / ABX R$

4,158

R$

311.850,00

13 14

TOTAL REGISTRADO R$

311.850,00

UND

1500

Placa de 90 mm agar sangue

UND

2000

Placa de 90 mm agar CLED\EMB

UND

1500

Placa de 90 mm agar ss

UND

100

Placa Grande Universal de agar Mueller Hinton

UND

150

Placa de 90 mm agar Mackonkey

UND

150

Placa de 90 mm agar Mueller Hinton

UND

250

Placa de 90 mm agar Manitol

UND

100

CAIXA

20

Tubo de caldo de BHI cx com 10 Tubo de citrato

CAIXA

20

Tubo de TSI

CAIXA

20

Tubo de SIM

CAIXA

20

Tubo lisina

CAIXA

20

FR

20

Reagente de indol

Antimicrobianos tipo aranha para TSA CAIXA em urina

20

Antimicrobianos tipo aranha para TSA CAIXA para Gram positivos em materiais biológicos

20

16

20

17

Antimicrobianos tipo aranha para TSA CAIXA para Gram negativos em materiais biológicos

15

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

Placa de 90 mm de agar chocolate suple.

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

NEW PROV

R$

3,836

R$

5.754,00

NEW PROV

R$

3,843

R$

7.686,00

NEW PROV

R$

3,843

R$

5.764,50

NEW PROV

R$

3,094

R$

309,40

NEW PROV

R$

3,094

R$

464,10

NEW PROV

R$

3,843

R$

576,45

NEW PROV

R$

3,101

R$

775,25

NEW PROV

R$

4,935

R$

493,50

NEW PROV

R$

30,121

R$

602,42

NEW PROV

R$

31,885

R$

637,70

NEW PROV

R$

31,885

R$

637,70

NEW PROV

R$

31,885

R$

637,70

NEW PROV

R$

38,535

R$

770,70

NEW PROV

R$

45,409

R$

908,18

NEW PROV

R$

158,452

R$

3.169,04

NEW PROV

NEW PROV

R$

R$

158,452

158,466

R$

3.169,04

R$

3.169,32

14 15

TOTAL REGISTRADO R$

PACO TE

50

Fita para autoclave com indicador

UND

300

Pipeta para VHS descartáveis com tubo coletor próprio.

UND

10

Reagente álcool – ácido para BAAR

Litro

20

16 17 18

MEDGAUZE

R$

17,997

R$

899,85

3M

R$

39,830

R$

11.949,00

CRALPLAST

R$

2,170

R$

21,70

NEWPROV

R$

29,855

R$

597,10

R$

22,372

R$

156,60

R$

41,475

R$

622,13

CRALPLAST

R$

0,056

R$

168,00

CRALPLAST

R$

0,056

R$

168,00

CRALPLAST

R$

214,200

R$

2.142,00

CRALPLAST

R$

215,460

R$

2.154,60

JPROLAB

R$

21,840

R$

218,40

Reagente para proteinúria 50 ml

Kit

7

NEWPROV

Teste biológico para validar autoclave

Fr

15

CRISTÓFOLI

LOTE 15 _ PIPETAS AUTOMÁTICA e similares 1

Ponteiras amarelas para micropipeta de 10 ul

UND

3.000

2

Ponteira azul para micropipeta de 500 ul

UND

3.000

UND

10

3

Pipeta automática com dispensador de ponteiras – de 0 a100 ul ( microlitros) Pipeta automática com dispensador de ponteiras – de 0 a 200 ul ( microlitros)

UND

10

4

5

Pêra ou similar para pipetas de 1ml a 10 ml

UND

10

LOTE 16 _ ALÇAS E LIQUIDOS

1

Alça de 1 microlitro pacote com 10 unidades

PACO TE

1500

CRALPLAST

R$

2,380

R$

3.570,00

2

Alça de 10 microlitros pacote com 10 unidades

PACO TE

400

CRALPLAST

R$

2,387

R$

954,80

Kit completo de coloração para Gram

Kit

10

NEWPROV

R$

64,400

R$

644,00

Kit completo de coloração de BAAR

Kit

10

NEWPROV

R$

64,400

R$

644,00

15

NEWPROV

R$

25,900

R$

388,50

R$

50.356,72

3 4 5

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Gaze não estéril 7,5 cm x 7,5 cm 8 dobras 500 un

Líquido de MIF

Litro

1.310.028,86

TOTAL REGISTRADO

Nº 019 / 2012 rev. 01 _ mar / 13 ESTADO DO RIO DE JANEIRO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: SULLAB - COMÉRCIO DE PRODUTOS HOSPITALARES LTDA

CNPJ Nº 32.198.434/0001-34

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

Nº 020 / 2012 rev. 01 _ fev / 13

Nº 024 / 2012 rev. 01 _ fev/13

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 100 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 011 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal da Serra - HPMS. PRAZO: 12 (doze) meses INÍCIO: 24 / 05 /2012 TÉRMINO: 23 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$1.310.028,86 (hum milhão trezentos e dez mil vinte e oito reais e oitenta e seis centavos)

ITEM

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

MARCA

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: QUALITY-VIDA COMÉRCIO DE PRODUTOS PARA LABORATÓRIO LTDA

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: MICFARMA COMÉRCIO DE MEDICAMENTOS E PRODUTOS HOSPITALARES

CNPJ Nº 02.915.025/0001-40

LTDA

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 100 / 2012

CNPJ Nº 07.070.062/0001-19

PREGÃO PRESENCIAL Nº 011 / 2012

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 270 / 2012

OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando

PREGÃO PRESENCIAL Nº 019 / 2012

atender as necessidades do Hospital Público Municipal da Serra - HPMS.

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS COMUNS E CONTROLADOS visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM.

PRAZO: 12 (doze) meses

VALOR UNIT.

VALOR TOTAL

LOTE 1 _ BIOQUIMICA CLÍNICA

PRAZO: 12 (doze) meses

INÍCIO: 24 / 05 /2012

INÍCIO: 12 / 07 / 2012

TÉRMINO: 23 / 05 / 2013

TÉRMINO: 11 / 07 / 2013

VALOR ESTIMATIVO: R$ 233.364,00 (duzentos e trinta e três mil trezentos e sessenta e quatro reais)

1

Ácido Úrico

Teste

15.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

15.645,00

2

Amilase

Teste

1500

SIEMENS

R$

1,043

R$

1.564,50

3

Albumina

Teste

3000

SIEMENS

R$

1,043

R$

3.129,00

4

Bilirrubina total

Teste

2500

SIEMENS

R$

1,043

R$

2.607,50

5

Bilirrubina direta

Teste

2500

SIEMENS

R$

1,043

R$

2.607,50

6

Cálcio total

Teste

2500

SIEMENS

R$

1,043

R$

2.607,50

7

Colesterol total

Teste

16.000

SIEMENS

R$

1,036

R$

16.576,00

8

Colesterol HDL Direto

Teste

16.500

SIEMENS

R$

3,710

R$

61.215,00

9

CPK

Teste

7000

SIEMENS

R$

2,975

R$

20.825,00

10

Teste

CKMB

7000

SIEMENS

R$

3,150

R$

22.050,00

11

Creatinina

Teste

17.000

SIEMENS

R$

1,036

R$

17.612,00

12

Desidrogenase Láctica (LDH)

Teste

2000

SIEMENS

R$

1,890

R$

3.780,00

13

Ferro

Teste

7500

SIEMENS

R$

1,036

R$

7.770,00

14

Fosfatase Alcalina (ALP)

Teste

2500

SIEMENS

R$

1,036

R$

2.590,00

15

Fósforo

Teste

500

SIEMENS

R$

1,036

R$

518,00

16

Gama GT

Teste

2500

SIEMENS

R$

1,036

R$

2.590,00

17

Glicose

Teste

19.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

19.817,00

18

Lipase

Teste

1.500

SIEMENS

R$

1,043

R$

1.564,50

19

Hemoglobina Glicada

Teste

3.500

SIEMENS

R$

1,043

R$

3.650,50

20

Magnésio

Teste

1.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

1.043,00

21

Proteína total

Teste

3.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

3.129,00

22

Transaminase Oxalacética (TGO – AST)

Teste

3.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

3.129,00

23

Transaminase Pirúvica (TGP - ALT)

Teste

SIEMENS

R$

1,043

R$

3.129,00

3.000

24

Triglicerídeos

Teste

15.000

SIEMENS

R$

1,043

R$

15.645,00

25

Uréia

Teste

17.000

SIEMENS

R$

1,036

R$

17.612,00

26

PCR de alta sensibilidade

Teste

2.000

SIEMENS

R$

8,225

R$

16.450,00

27

Microalbuminúria

Teste

500

SIEMENS

R$

12,320

R$

6.160,00

28

Transferrina Turbi

Teste

200

SIEMENS

R$

9,765

R$

1.953,00

Capacidade total de ligação do ferro

Teste

500

SIEMENS

R$

1,022

R$

511,00

29

LOTE 2 _ HEMATOLOGIA

R$

-

ITEM

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

MARCA

1

Teste

40.000

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25

4,123

R$

HCG

Teste

500

FSH

Teste

200

LH

Teste

200

Progesterona

Teste

200

Prolactina

Teste

300

Testosterona total

Teste

200

T3

Teste

400

T4

Teste

400

T4 livre

Teste

400

TSH

Teste

400

PSA total

Teste

500

PSA livre

Teste

500

IgE total

Teste

400

Toxoplasmose IgG

Teste

500

Toxoplasmose IgM

Teste

500

Troponina I

Teste

500

Mioglobina

Teste

500

Rubéola IgG

Teste

400

Rubéola IgM

Teste

400

Estradiol

Teste

200

Cortisol

Teste

200

Microalbuminuria

Teste

400

Ferritina

Teste

200

HBSAG

Teste

400

Anti HBS

Teste

400

BIOMERIEUX

R$

13,600

R$

6.800,00

BIOMERIEUX

R$

13,600

R$

2.720,00

BIOMERIEUX

R$

13,600

R$

2.720,00

BIOMERIEUX

R$

15,600

R$

3.120,00

BIOMERIEUX

R$

15,600

R$

4.680,00

BIOMERIEUX

R$

37,440

R$

7.488,00

BIOMERIEUX

R$

37,440

R$

14.976,00

BIOMERIEUX

R$

13,680

R$

5.472,00

BIOMERIEUX

R$

13,680

R$

5.472,00

BIOMERIEUX

R$

13,680

R$

5.472,00

BIOMERIEUX

R$

24,960

R$

12.480,00

BIOMERIEUX

R$

26,800

R$

13.400,00

BIOMERIEUX

R$

32,800

R$

13.120,00

R$

-

Teste

4.500

BIOTECNICA

R$

2,667

R$

12.001,50

2

REAGENTES PARA TESTE PTT

Teste

4.500

BIOTECNICA

R$

2,667

R$

12.001,50

R$

-

MISSION

R$

2,429

R$

26.719,00

MISSION

R$

2,429

R$

26.719,00

MISSION

R$

2,429

R$

13.359,50

LOTE 7 _ ELETRÓLITOS ÍONS SELETIVOS 1 2 3 4 5

Testes para dosagens de sódio

Teste

11.000

Teses para dosagem de potássio

Teste

11.000

Testes para dosagem de cálcio

Teste

5.500

Testes para dosagem de cloro

Teste

5.500

Testes de Gasometria

Teste

2.500

R$

2,429

R$

13.359,50

R$

2,401

R$

6.002,50

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35

Teste

640

FSH

Teste

640

LH

Teste

576

Progesterona

Teste

576

Prolactina

Teste

576

Testosterona total

Teste

400

T4

Teste

1120

T4 livre

Teste

1120

TSH ultra

Teste

1120

PSA total

Teste

1120

PSA livre

Teste

720

HAV total

Teste

800

HAV IgM

Teste

800

HBsAg

Teste

800

Anti HBs

Teste

800

HBC total(IgG)

Teste

800

HBC IgM

Teste

800

HBeAg

Teste

640

Anti- HBe

Teste

400

Toxoplasmose IgG

Teste

800

Toxoplasmose IgM

Teste

800

HIV 1 e 2 Dupla Marcação segunda Metodologia/ diferente da metodologia lote 04

Teste

4000

Troponina

Teste

800

Mioglobina

Teste

800

CKMB massa

Teste

800

CMV IgG

Teste

800

CMV IgM

Teste

800

BNP

Teste

60

Rubéola IgG

Teste

800

Rubéola IgM

Teste

800

T3

Teste

1120

T3L

Teste

800

Cortisol

Teste

400

Dímero D

Teste

60

Teste

800

BIOMERIEUX

R$

40,677

R$

26.033,28

BIOMERIEUX

R$

42,525

R$

27.216,00

BIOMERIEUX

R$

35,105

R$

20.220,48

BIOMERIEUX

R$

29,855

R$

17.196,48

BIOMERIEUX

R$

44,940

R$

25.885,44

1

Teste de identificação para Gram positivo com TSA e MIC

Teste

2

Teste de Identificação de Gram negativo com TSA e MIC

Teste

2 3 4 5 6

R$

124,492

R$

358.536,960

29

ALPROSTADIL 20mcg IV PÓ LIOFILIZADO

F/A

400

BOEHRINGER

R$

41,151

R$

16.460,400

38

AMOXICILINA 1G + CLAVULANATO POTÁSSIO 200MG F/A

F/A

12000

AUROBINDO

R$

4,682

R$

56.184,000

84

CEFALOTINA, SÓDICA 1G F/A

F/A

33600

AUROBINDO

R$

2,460

R$

82.656,000

127

DICLOFENACO DE POTÁSSIO 50MG COMPRIMIDO

CPR

1920

GEOLAB

R$

0,079

R$

151,680

154

ESTREPTOQUINASE 1.500.000UI F/A

F/A

40

BERGAMO

R$

1.300,000

R$

52.000,000

211

IPRATRÓPIO, BROMETO SOL. INALAÇÃO 0,250MG 20ML FRASCO

FR

960

BOEHRINGER

R$

1,490

R$

1.430,400

213

ISOSSORBIDA, DINITRATO 10MG COMPRIMIDO

CPR

720

HIPOLABOR

R$

0,090

R$

64,800

215

ISOXSUPRINA, CLORIDRATO 10MG COMPRIMIDO

CPR

720

APSEN

R$

1,707

R$

1.229,040

216

ISOXSUPRINA, CLORIDRATO 10MG/2ML AMPOLA

AMP

1200

APSEN

R$

8,472

R$

10.166,400

225

LIDOCAÍNA 1%-20ML 20MG/ML SEM VASO F/A

F/A

200

HYPOFARMA

R$

2,300

R$

460,000

BOLSA

120

BAYER

R$

94,436

R$

11.332,320

R$

18,080

R$

9.040,00

R$

18,080

R$

9.040,00

BIOMERIEUX

R$

24,000

R$

12.000,00

BIOMERIEUX

R$

14,960

R$

7.480,00

BIOMERIEUX

R$

17,440

R$

6.976,00

BIOMERIEUX

R$

18,080

R$

7.232,00

BIOMERIEUX

R$

18,400

R$

3.680,00

BIOMERIEUX

R$

21,200

R$

4.240,00

BIOMERIEUX

R$

13,440

R$

5.376,00

BIOMERIEUX

R$

22,400

R$

4.480,00

BIOMERIEUX

R$

31,000

R$

12.400,00

BIOMERIEUX

R$

42,500

R$

17.000,00

257

MOXIFLOXACINO 400MG 250ML BOLSA

200

R$

91,250

R$

18.250,00

258

DRG

2400

BELFAR

R$

0,350

R$

840,000

R$

91,250

R$

18.250,00

NBUTILESCOPOLAMINA + DIPIRONA 10MG+250MG DRÁGEA

200

R$

233.364,00

260

NBUTILESCOPOLAMINA 10MG COMPRIMIDO

CPR

2400

BELFAR

R$

0,350

R$

840,000

265

NIFEDIPINA 20MG COMPRIMIDO

CPR

3840

GEOLAB

R$

0,041

R$

157,440

267

NIMESULIDA 50MG/ML15ML GOTAS

FR

60

VITAPAN

R$

2,300

R$

138,000

352

SULFATO DE MAGNESIO 10%-10ML AMPOLA

AMP

3600

ISOFARMA

R$

0,547

R$

1.969,200

353

SULFATO DE MAGNESIO 50%-10ML AMPOLA

AMP

720

ISOFARMA

R$

0,780

R$

561,600

354

SULFATO FERROSO GOTAS

GTS

48

NATULAB

R$

2,450

R$

117,600

355

SULFATO FERROSO 40MG COMPRIMIDO

CPR

7680

PRATI

R$

0,021

R$

161,280

VALOR TOTAL REGISTRADO R$

595.457,120

BIOMERIEUX

BIOMERIEUX

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 3ª publicação trimestral

Nº 022 / 2012 rev. 01 _ fev / 13 EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: SANEWS DISTRIBUIDORA DE PRODUTOS PARA LABORATÓRIO LTDA CNPJ Nº 02.842.909/0001-12 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 100 / 2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº 011 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE REAGENTES/INSUMOS DIVERSOS com cessão de equipamentos em regime de comodato visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal da Serra - HPMS.

TÉRMINO: 23 / 05 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 50.356,71 (cinquenta mil trezentos e cinquenta e seis reais e setenta e um centavos) ITEM

1

R$

41,846

R$

16.738,40

2

BIOMERIEUX

R$

13,804

R$

15.460,48

3

BIOMERIEUX

R$

15,778

R$

17.671,36

4

BIOMERIEUX

R$

13,804

R$

15.460,48

5

BIOMERIEUX

R$

22,225

R$

24.892,00

6

BIOMERIEUX

R$

22,225

R$

16.002,00

7

BIOMERIEUX

R$

28,889

R$

23.111,20

BIOMERIEUX

R$

29,148

R$

23.318,40

BIOMERIEUX

R$

17,122

R$

13.697,60

BIOMERIEUX

R$

29,428

R$

23.542,40

BIOMERIEUX

R$

29,428

R$

23.542,40

BIOMERIEUX

R$

32,102

R$

25.681,60

BIOMERIEUX

R$

22,610

R$

14.470,40

BIOMERIEUX

R$

37,660

R$

15.064,00

BIOMERIEUX

R$

32,102

R$

25.681,60

BIOMERIEUX

R$

32,102

R$

25.681,60

BIOMERIEUX

R$

15,246

R$

60.984,00

BIOMERIEUX

R$

13,860

R$

11.088,00

BIOMERIEUX

R$

15,309

R$

12.247,20

BIOMERIEUX

R$

11,235

R$

8.988,00

1 2

3

4 5 6

R$

17,654

R$

14.123,20

R$

11,060

R$

12.387,20

BIOMERIEUX

R$

13,790

R$

11.032,00

BIOMERIEUX

R$

44,989

R$

17.995,60

BIOMERIEUX

R$

34,132

R$

2.047,92

BIOMERIEUX

R$

11,760

R$

9.408,00

E1

Teste

1152

Teste

576

Dengue IgG

Teste

576

HCV

Teste

1152

HCG

Teste

576

Teste

576

DIAPRO

R$

21,546

R$

24.820,99

BIOCON

R$

19,194

R$

11.055,74

BIOCON

R$

19,194

R$

11.055,74

20,405

R$

612,15

R$

20,412

R$

244,94

Fr

12

BIOEASY

R$

53,900

R$

646,80

CNPJ Nº 00.280.854/0001-79

Fr

5

BIOEASY

R$

35,700

R$

178,50

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 270 / 2012

Fr

32

BIOEASY

R$

35,700

R$

1.142,40

Fr

8

BIOEASY

R$

31,500

R$

252,00

Kit para identificação de rotavírus kit com 30 testes (látex).

Teste

Kit para testes de VDRL

Teste

12000

KIT

30

Kit de corantes para microscopia de coloração rápida (método de imersão) de esfregaços sangüíneos ( Hematologia )

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: DEENEA DISTRIBUIDORA LTDA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 019 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS COMUNS E CONTROLADOS visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM. INÍCIO: 12 / 07 / 2012

120

Kit para monotest

Teste

400

Kit para reação de Widal

Teste

200

KIT

30

Kit de descontaminação para cultura de BK

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

PRAZO: 12 (doze) meses

UND

50

Tubos de ensaio

5 ml

3

Pipetas de vidro

10 ml

2

Álcool metílico - p.a

Litro

6

PACO TE

20

2 3 4

BIOEASY

R$

5,530

R$

663,60

LABORCLIN

R$

0,189

R$

2.268,00

NEWPROV

R$

41,300

R$

1.239,00

NEWPROV

R$

3,045

R$

1.218,00

NEWPROV

R$

5,607

R$

1.121,40

NEWPROV

R$

128,800

R$

3.864,00

OSRAN

R$

37,100

R$

DIXSON

R$

56,700

DIXSON

R$

PILOT

TÉRMINO: 11 / 07 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 7.102,24 (sete mil cento e dois reais e vinte e quatro centavos) ITEM

Caneta de retroprojetor

5 6

Pote para coleta de urina 50 ml não esteril

UND

10.000

Pote p/ coleta de urina 50 ml esteril

UND

3.000

8

Lâmina para microscopia borda fosca c/ 100

CAIXA

250

9

Lamínulas para microscopia 20x20 c/ 100

CAIXA

90

Litro

100

Litro

30

PACO TE

30

10

BIOCON

R$

17,941

R$

10.334,02

11 12

Hipoclorito de sódio 2% Hipoclorito de sódio de 4 % PA Algodão hidrófilo de 500 g

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

MARCA

VALOR UNIT.

VALOR TOTAL

LOTE 1 - MEDICAMENTOS COMUNS

95

CIANOCOBALAMINA (HIDROXOCOBALAMINA ) VIT B12 5000MCG/2ML

AMP

120

BUNKER

R$

3,940

R$

472,800

209

IPRATRÓPIO, BROMETO SPRAY 15 ML FRASCO 300 DOSES

FR

24

BOEHRINGER

R$

16,000

R$

384,000

742,00

221

LEVONORGESTREL COMPRIMIDO

CPR

192

MABRA

R$

0,130

R$

24,960

R$

567,00

223

LEVOTIROXINA SODICA 50MCG COMPRIMIDO

CPR

720

MERCK

R$

0,111

R$

79,920

56,700

R$

567,00

R$

7,140

R$

357,00

249

METOPROLOL, TARTARATO 5MG INJETÁVEL SERINGA

SRG

56

ASTRAZENECA

R$

13,300

R$

744,800

255

240

PFIZER

R$

1,130

R$

271,200

R$

8,540

R$

427,00

MINOXIDIL 10MG COMPRIMIDO

CPR

JPROLAB CRALPLAST

R$

29,750

R$

89,25

264

NIFEDIPINA 10MG COMPRIMIDO

CPR

1200

BAYER

R$

0,070

R$

84,000

RONIALZI

R$

28,700

R$

57,40

ISOFAR

R$

27,846

R$

167,08

277

OLEATO DE MONOETANOLAMINA 50MG-2ML AMPOLA

AMP

480

FARMOQUIMICA

R$

5,600

R$

2.688,000

ISOFAR

R$

28,392

R$

567,84

298

PIRIMETAMINA 25MG COMPRIMIDO

CPR

720

FARMOQUIMICA

R$

0,033

R$

23,760

CRALPLAST

R$

0,252

R$

2.520,00

300

FR

12

FARMOQUIMICA

R$

6,400

R$

76,800

CRALPLAST

R$

0,357

R$

1.071,00

POLIMIXINA B, LIDOCAINA 10ML GTS OTOLÕGICA FRASCO

CRALPLAST

R$

2,730

R$

682,50

311

PROCAINAMIDA 500MG5ML AMPOLA

AMP

60

ZAMBON

R$

3,900

R$

234,000

CRALPLAST

R$

2,695

R$

242,55

318

AMP

120

VALEANT

R$

3,900

R$

468,000

RIOQUIMICA

R$

16,800

R$

1.680,00

PROTAMINA CLORIDRATO 1000UI5ML AMPOLA

ISOFAR

R$

16,800

R$

504,00

347

SULFADIAZINA DE PRATA 1% 80G TUBO

TUBO

200

PRATI

R$

7,750

R$

1.550,000

NATHALYA

R$

25,116

R$

753,48

VALOR TOTAL REGISTRADO R$

7.102,240

20

Papel filtro p/ teste de sangramento c/ 100

11.136,38

16.188,48

R$

BIOEASY

Coletor de urina 24 horas em polipropileno p/ 2000 ml

1

R$

R$

BIOEASY

12

LOTE 14 _ OUTROS

9,667

28,105

30

Fr

50

R$

R$

Soro de Coombs

Fr

UND

BIOCON

DIAPRO

Soro anti D Policlonal ( Rh )

612,15

10

4

BIOMERIEUX

Soro anti D monoclonal ( Rh )

R$

10

3

BIOMERIEUX

Albumina a 22% (frasco – 10 ml)

20,405

CAIXA

12.409,60 1.538,88

Soro anti-AB (frasco – 10 ml)

Nº 025 / 2012 rev. 01 _ fev/13

R$

CAIXA

12.409,60

14.123,20

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

BIOEASY

Lápis dermográfico preto – caixa com 12 un

R$

R$

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

VALOR TOTAL

30

Lápis dermográfico azul – caixa com 12 un

R$

R$

VALOR UNIT.

Fr

2

15,512

17,654

Soro anti-B (frasco – 10 ml)

UND

15,512

25,648

Soro anti-A (frasco – 10 ml)

Lâmpada para microscópio halogênia 6v 20 w, de procedência alemã

R$

R$

MARCA

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

1

R$

R$

QUANT.

LOTE 13 _ PAPELARIA

BIOMERIEUX

BIOMERIEUX

UN.

LOTE 12 _ REAGENTES DIVERSOS

BIOMERIEUX

BIOMERIEUX

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA LOTE 11 _ TIPAGEM SANGUÍNEA

7

Dengue IgG

IGE total

CSL

BIOMERIEUX

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

BIOMERIEUX

LOTE 9 _ ELISA 1

2880

INÍCIO: 24 / 05 /2012

Estradiol

Beta HCG

VALOR TOTAL

FR

PRAZO: 12 (doze) meses

LOTE 8 _ IMUNOLOGIA E HORMÔNIOS II

VALOR UNIT.

23

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

MISSION

MARCA

BIOMERIEUX

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

MISSION

QUANT.

LOTE 1 - MEDICAMENTOS COMUNS

ESTADO DO RIO DE JANEIRO

REAGENTES PARA TESTE TAP COM INR

UN.

ALBUMINA HUMANA 20%-50ML FRASCO/AMPOLA

164.920,00

1

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

LOTE 5 _ MICROBIOLOGIA

/ DIAGNO

LOTE 3 _ COAGULAÇÃO

centavos) ITEM

TOTAL REGISTRADO

R$

VALOR TOTAL

LOTE 4 _ IMUNOLOGIA E HORMÔNIOS I

ABX DIAGON Reagente para HEMATOLOGIA com cessão de equipamento conforme especificações constantes no Anexo I item 2.2 deste Edital.

VALOR ESTIMATIVO: R$ 595.457,12 (quinhentos e noventa e cinco mil quatrocentos e cinquenta e sete reais e doze

VALOR UNIT.


11

Macaé, quarta-feira, 3 de abril de 2013 ESTADO DO RIO DE JANEIRO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

Nº 029 / 2012 rev. 01 _ fev / 13

Nº 026 / 2012 rev. 01 _ mar / 13

72

ÂNCORA METÁLICA 2,7MM USADA P/ INSERÇÃO DE TENDÃO

UND

4

HEXAGON

R$

160,00

R$

640,00

73

ÂNCORA METÁLICA 4MM USADA P/ INSERÇÃO DE TENDÃO

UND

4

HEXAGON

R$

160,00

R$

640,00

74

ÂNCORA METÁLICA 5MM USADA P/ INSERÇÃO DE TENDÃO

UND

4

HEXAGON

R$

160,00

R$

640,00

75

CENTRALIZADOR DISTAL P/ PRÓTESE QUADRIL

UND

4

ORTOSSÍNTESE

R$

100,00

R$

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: MEDICAL FARMA PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: RYNUS NOROESTE DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS LTDA

CNPJ Nº 05.343.026/0001-56

TOTAL REGISTRADO

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 270 / 2012

CNPJ Nº 07.134.049/0001-86

PREGÃO PRESENCIAL Nº 019 / 2012

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 270 / 2012

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS COMUNS E CONTROLADOS visando atender as necessidades do

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS COMUNS E CONTROLADOS visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM.

PRAZO: 12 (doze) meses INÍCIO: 12 / 07 / 2012

ITEM

TÉRMINO: 11 / 07 / 2013

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

VALOR ESTIMATIVO: R$ 34.802,08 (trinta e quatro mil oitocentos e dois reais e oito centavos) ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

MARCA

VALOR UNIT.

2

ACETILCISTEÍNA 200MG ENVELOPE

8

ÁCIDO ACETIL SALICÍLICO 500 MG COMPRIMIDO

ENV

1900

CPR

ACIDO ASCÓRBICO 100 MG/ML 5ML AMPOLA

10

ACIDO ASCÓRBICO 500MG COMPRIMIDO

25

ALCOOL 92,8% 1000ML FRASCO P/LIMPEZA DE SUPERFÍCIE

400

AMP

1.920

CPR

2400

FR

384

PRATI

R$

ABL

0,490

R$

INPHARMA

0,060

R$

SOBRAL

0,990

R$

RICIE

0,300

R$

8,440

VALOR TOTAL

R$

931,000

R$

24,000

R$

76

CAPTOPRIL 12,5MG COMPRIMIDO

R$

R$

55

CPR

432

PRATI

56

BACLOFENO 10MG COMPRIMIDO

CPR

960

TEUTO

R$

0,130

R$

124,800

77

CAPTOPRIL 25MG COMPRIMIDO

CPR

28800

PRATI

R$

0,045

R$

1.296,000

CETOPROFENO 100MG/2ML IM AMPOLA

AMP

2400

TEUTO

R$

2,480

R$

5.952,000

CPS

480

E.M.S.

R$

0,890

R$

427,200

2,990

R$

1,160

FR

114

COLAGENASE + CLORAFENICOL 0,6UI + 0,01MG POMADA 30G

163

FITOMENADIONA (VIT K) 10MG/ML-1ML AMPOLA IV

218

LACTULOSE XPE 120ML FRASCO

263

R$

0,060

R$

432,000

TB

2000

ABBOTT

R$

9,675

R$

19.350,000

AMP

200

ARISTON

R$

1,350

R$

270,000

FR

480

FARMASA

R$

14,938

R$

7.170,240

NEOSTIGMINA, METILSULFATO 0,5MG1ML AMPOLA

AMP

3600

UNIÃO QUÍMICA

R$

0,484

R$

1.742,400

290

PARACETAMOL 500MG + CAFEINA 65MG COMPRIMIDO

CPR

200

TEUTO

R$

0,360

R$

72,000

294

PENICILINA PROC.+ POTÁSSICA 300.000UI + 100.000UI F/A

F/A

336

ARISTON

R$

1,545

R$

519,120

307

POTÁSSIO, CLORETO 6%-100ML XAROPE FRASCO

FR

120

PRATI

R$

1,565

R$

187,800

VALOR TOTAL REGISTRADO R$

29.743,560

501,120

240

TEUTO

R$

1,870

R$

448,800

E.M.S.

R$

1,860

R$

1.785,600

CPR

2400

TEUTO

R$

0,820

R$

1.968,000

CPR

18000

PRATI

R$

0,115

R$

2.070,000

100

OXIDAL

R$

21,500

R$

2.150,000

CÁPS

180

MANTECORP

R$

1,580

R$

284,400

FORMOTEROL 170 FUMARATO 12MCG CAPS

16

PRATI

R$

18,900

R$

302,400

224

LIDOCAÍNA GEL 2% 30G BISNAGA BISNAGA

720

HIPOLABOR

R$

4,380

R$

3.153,600

241

METILDOPA 250MG COMPRIMIDO

2000

ROYTON

R$

0,240

R$

480,000

CPR

METILDOPA 500MG COMPRIMIDO

CPR

SACCHAROMYCES 326 BOULARDI-17 100MG CAPS SACCHAROMYCES 327 BOULARDI-17 200MG CAPS SULFADIAZINA 500MG COMPRIMIDO

SULFAMETOXAZOL+TRI 350 METROPINA 400+80MG COMPRIMIDO TIAMINA, CLORIDRATO 300MG COMPRIMIDO

VARFARINA SODICA 366 5MG COMPRIMIDO

4000

CAPS

1920

ROYTON

R$

LEGRAND

0,320

R$

0,870

R$

1.280,000

R$

1.670,400

CAPS

2400

LEGRAND

R$

1,260

R$

3.024,000

CPR

1920

PRATI

R$

0,170

R$

326,400

CPR

2400

CPR

480

CPR

960

PRATI

R$

TEUTO

0,050

R$

TEUTO

0,240

R$

0,215

R$

120,000

R$

115,200

R$

206,400

VALOR TOTAL REGISTRADO R$

34.802,080

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

Nº 027 / 2012 rev. 01 _ fev / 13 INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: DISK MED PÁDUA DISTRIBUIDORA DE MEDICAMENTOS LTDA CNPJ Nº 04.216.957/0001-20 PREGÃO PRESENCIAL Nº 019 / 2012

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: AGA MED COMÉRCIO, REPRESENTAÇÃO E ASSSITÊNCIA TÉCNICA MÉDICO HOSPITALAR LTDA

PREGÃO PRESENCIAL Nº 030 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE PRÓTESES E ÓRTESES para procedimentos cirúrgicos traumato-ortopédicos com cessão de

PRAZO: 12 (doze) meses

Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM. INÍCIO: 12 / 07 / 2012

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

UN.

QUANT.

MARCA

VALOR UNIT.

CAPS

5

BUPROPIONA 150MG COMPRIMIDO

CPR

480

6

BROMAZEPAM 3MG COMPRIMIDO

CPR

1920

BROMAZEPAM 6MG COMPRIMIDO

CPR

9

CARBAMAZEPINA 200MG COMPRIMIDO

CPR

2000

10

CARBAMAZEPINA 20MG/ML-100ML SOL. ORAL

FR

40

CLONAZEPAM 2,5MG/ML-20ML GOTAS FRASCO

FR

TEUTO

720

CPR

2400

20

CODEÍNA, FOSFATO 30MG + PARACETAMOL 500MG COMPRIMIDO

CPR

2640

DIAZEPAM 5MG COMPRIMIDO

CPR

6000

EFEDRINA SULFATO 50MG/ML-1ML

AMP

1200

AMP

12000

FENITOÍNA SÓDICA 50MG/ML-5ML AMPOLA

52

63

1,900

R$

912,000

SANVAL

R$

0,100

R$

192,000

SANVAL

R$

0,150

R$

108,000

U.QUIMICA

AMP

NALOXONA CLORIDRATO 0,4MG/ML1ML AMPOLA

AMP

TRAMADOL, CLORIDRATO 50MG/ML1ML AMPOLA

AMP

R$

0,190

9,500

R$

R$

380,000

380,000

HIPOLABOR

R$

3,800

R$

182,400

TEUTO

R$

0,183

R$

439,200

SANTISA CRISTÁLIA

TEUTO

HALOPERIDOL 5MG/1ML AMPOLA

R$

480 2880

R$

R$ R$

R$

1,530

0,057 3,650

1,231

R$

R$ R$

R$

4.039,200

342,000 4.380,000

14.772,000

U.QUIMICA

R$

29,100

R$

13.968,000

U.QUIMICA

R$

1,665

R$

4.795,200

240 HIPOLABOR

R$

4,500

R$

1.080,000

24000 HIPOLABOR

R$

1,350

R$

VALOR TOTAL REGISTRADO R$

VALOR UNIT.

Equipo infusao gravidade injetor lateral com conector Valvulado que impeçam o uso de agulha, compatível com conexões luer lock e luer slip, em peça única com capacidade de fluxo de até 165 ml/min, com espaço morto de 0,01 a 0,04 ml, isento de látex, com canal de policarbonato liso para passagem exclusiva de líquidos, isento de metal, dotado de sistema fechado (SF) Ponta perfurante padrão ISSO, Câmara gotejadora com padrão macro gotas (20 gotas/ minuto), Filtro de partículas de 15 µm, Filtro Air Stop: Impede passagem de ar ao término da infusão da solução gravitacional. Entrada de ar com filtro de 0,22µm, Tubo de PVC transparente, Regulador de fluxo tipo pinça rolete. Injetor lateral em T com membrana auto-cicatrizante Látex free. Conector Spin Lock com o paciente, com Prime Stop: Permite realização do priming sem a desconexão do protetor do cone.

VALOR

UN.

QUANT.

MARCA

un.

67150

B. BRAUN

R$ 5,10

R$ 342.465,00

un.

40500

B. BRAUN

R$ 4,91

R$ 198.855,00

UNIT.

VALOR TOTAL

VALOR TOTAL

HEXAGON

R$

6,00

R$

2

ARRUELA 4,5/6,5 - FEITO DE AÇO

UND

6

HEXAGON

R$

6,00

R$

36,00

3

BLOQUEADOR DE CIMENTO P FEITO DE POLIETILENO

UND

8

ORTOSSÍNTESE

R$

18,00

R$

144,00

4

BLOQUEADOR DE CIMENTO M FEITO DE POLIETILENO

UND

8

ORTOSSÍNTESE

R$

18,00

R$

144,00

5

BLOQUEADOR DE CIMENTO G FEITO DE POLIETILENO

UND

8

ORTOSSÍNTESE

R$

18,00

R$

144,00

6

CIMENTO CIRÚRGICO - 40G

UND

30

N´COR

R$

44,00

R$

1.320,00

7

CIMENTO CIRÚRGICO C/ ANTIBIÓTICO

UND

6

LEPINE

R$

530,00

R$

3.180,00

8

FIO GUIA PARA PLACA DHS - 2,5 X 230MM

UND

4

IMPLANTEC

R$

36,00

R$

144,00

9

FIO GUIA PARA HASTE DE TÍBIA 2,5 X 530MM

UND

4

HEXAGON

R$

40,00

R$

160,00

10

FIO GUIA PARA HASTE DE FÊMUR 3,0 X 530MM

UND

4

HEXAGON

R$

40,00

R$

160,00

11

FIO CERCLAGEM - 1.5MM

UND

4

HEXAGON

R$

34,00

R$

136,00

12

FIO KISCHNER - 1.0MM

UND

10

HEXAGON

R$

13,00

R$

130,00

13

FIO KISCHNER - 1.5MM

UND

30

HEXAGON

R$

13,00

R$

390,00

14

FIO STEINMAN - 2.0MM

UND

15

HEXAGON

R$

15,82

R$

237,30

15

FIO STEINMAN - 2.5MM

UND

10

HEXAGON

R$

15,82

R$

158,20

16

FIO STEINMAN - 3.0MM

UND

10

HEXAGON

R$

15,82

R$

158,20

17

FIO STEINMAN - 4.0MM

UND

10

HEXAGON

R$

12,00

R$

120,00

18

FIO STEINMAN - 5.0MM

UND

15

HEXAGON

R$

15,82

R$

237,30

19

HASTE FÊMUR BLOQUEADA

UND

20

HEXAGON

R$

816,00

R$

16.320,00

20

HASTE RETRÓGRADA DE FÊMUR

UND

20

HEXAGON

R$

790,50

R$

15.810,00

21

HASTE TÍBIA BLOQUEADA

UND

10

HEXAGON

R$

790,50

R$

7.905,00

22

PARAFUSO BLOQUEIO

UND

40

HEXAGON

R$

21,60

R$

864,00

23

PARAFUSO CANULADO - 4.5MM

UND

16

HEXAGON

R$

54,00

R$

864,00

24

PARAFUSO CANULADO - 7.0MM

UND

24

HEXAGON

R$

54,00

R$

1.296,00

25

PARAFUSO CORTICAL - 3.5MM

UND

248

HEXAGON

R$

12,00

R$

2.976,00

26

PARAFUSO CORTICAL - 4.5MM

UND

250

HEXAGON

R$

14,00

R$

3.500,00

27

PARAFUSO ESPANJOSO - 3.5MM

UND

110

HEXAGON

R$

21,60

R$

2.376,00

28

PARAFUSO ESPANJOSO - 6.0MM

UND

40

HEXAGON

R$

21,60

R$

864,00

29

PLACA 1/3 CANA (TUBULAR) 3.5MM

UND

24

HEXAGON

R$

146,64

R$

3.519,36

30

PLACA BLOQUEADA EM T - 3.5MM

UND

12

HEXAGON

R$

1.920,28

R$

23.043,36

31

PLACA BLOQUEADA RETA - 3.5MM

UND

6

HEXAGON

R$

1.770,60

R$

10.623,60

32

PLACA BLOQUEADA RETA - 4.5MM

UND

6

HEXAGON

R$

1.770,60

R$

10.623,60

33

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR - 4 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

34

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR - 6 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

35

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR - 8 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

36

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR 10 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

37

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR 12 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

38

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR 14 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

39

PLACA TUBO DCS 95�� P/ FÊMUR 16 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

40

PLACA TUBO DCS 95º P/ FÊMUR 18 FUROS - FEITA DE AÇO

UND

2

HEXAGON

R$

460,00

R$

920,00

41

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 4 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

5

HEXAGON

R$

142,80

R$

714,00

42

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 6 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

5

HEXAGON

R$

142,80

R$

714,00

43

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 8 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

4

HEXAGON

R$

142,80

R$

571,20

44

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 10 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

4

HEXAGON

R$

142,80

R$

571,20

45

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 12 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

4

HEXAGON

R$

142,80

R$

571,20

46

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 14 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

4

HEXAGON

R$

142,80

R$

571,20

47

PLACA RETA DCP 3.5MM P/ RÁDIO E ULNA - 16 FUROS - FEITO DE AÇO

UND

4

HEXAGON

R$

142,80

R$

571,20

48

PLACA DHS 135 - AÇO

UND

24

HEXAGON

R$

594,20

R$

14.260,80

49

PLACA EM L (PARA TÍBIA PROXIMAL) - AÇO

UND

8

HEXAGON

R$

224,40

R$

1.795,20

50

PLACA RECONSTRUÇÃO 3.5MM

UND

12

HEXAGON

R$

299,90

R$

3.598,80

51

PLACA RETA DCP AUTO COMPRESSÃO 4.5MM

UND

18

HEXAGON

R$

230,00

R$

4.140,00

52

PLACA T 3.5MM

UND

6

HEXAGON

R$

214,20

R$

1.285,20

53

PRÓTESE THONPSON - 39MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

54

PRÓTESE THONPSON - 41MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

55

PRÓTESE THONPSON - 43MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

56

PRÓTESE THONPSON - 45MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

57

PRÓTESE THONPSON - 47MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

58

PRÓTESE THONPSON - 49MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

59

PRÓTESE THONPSON - 51MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

60

PRÓTESE THONPSON - 53MM USADA EM QUADRIL

UND

4

ICOMEPE

R$

642,55

R$

2.570,20

61

PRÓTESE TOTAL DE QUADRIL CIMENTADA

UND

15

ORTOSSÍNTESE

R$

1.628,00

R$

24.420,00

62

PRÓTESE TOTAL DE QUADRIL NÃO CIMENTADA

UND

8

ORTOSSÍNTESE

R$

2.103,14

R$

16.825,12

63

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 39X11MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

64

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 39X25MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

65

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 39X20MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

66

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 44X11MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

67

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 44X25MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

68

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 44X20MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

69

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 49X11MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

70

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 49X25MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

71

PRÓTESE PARCIAL DE OMBRO 49X20MM

UND

4

ICOMEPE

R$

994,00

R$

3.976,00

36,00

32.400,000

78.542,800

2

Equipo para administração de soluções parenterais, ponta perfurante ISO, com tampa protetora, tubo extensor com pinça corta fluxo. filtro de ar hidrófobo, bacteriológico 0,22 micra com tampa reversível; câmara de gotejamento flexível, com linha indicadora do nível ideal de solução; gotejador e microgotejador conforme padrão NBR 14041 ajustado para 60 mgt = 1ml; tubo extensor de PVC 1.20m; injetor lateral; pinça tipo rolete; intermediário luer universal, com tampa protetora; embalagem individual blister em papel grau cirúrgico; uso único; esterilizado por oxido de etileno.

TOTAL REGISTRADO

R$ 541.320,00

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ Fundação Municipal Hospitalar de Macaé PORTARIA nº 099/2013 O DIRETOR PRESIDENTE da FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ - FMHM, no uso de suas atribuições legais, e tendo em vista o que consta no processo 055/2013, protocolado nesta Fundação, RESOLVE conceder Licença Sem Remuneração, por período de 12 (doze) meses, a (o) Servidor(a) Vitor de Souza Lima, Médico Plantonista Traumato-Ortopedista, matricula 2792, de acordo com Art. 78 da Lei Complementar 011/1998 alterada pela L.C. 180/2011, a contar de 01 de Abril de 2013. Diretor Presidente, em 01 de Abril de 2013. NEWTON JOSE Diretor Presidente

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ Fundação Municipal Hospitalar de Macaé PORTARIA nº 100/2013 O DIRETOR PRESIDENTE da FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ - FMHM, no uso de suas atribuições legais, e tendo em vista o que consta no processo 161/2013, protocolado nesta Fundação, RESOLVE conceder Licença Sem Remuneração, por período de 12 (doze) meses, a (o) Servidor(a) José Oliveira da Silva Neto, MÉDICO PLNTONISTA TRAUMATO-ORTOPEDISTA, matricula 2792, de acordo com Art. 78 da Lei Complementar 011/1998 alterada pela L.C. 180/ 2011, a contar de 01 de Abril de 2013. Diretor Presidente, em 01 de Abril de 2013.

172,800

R$

U.QUIMICA

AMP

R$

48

CLONAZEPAM 2MG COMPRIMIDO

FLUMAZENIL 0,5MG5ML AMPOLA

0,180

EUROFARMA

SANVAL

16

31

R$

MARCA

6

VALOR TOTAL

960

QUANT.

UND

LOTE 2 - MEDICAMENTOS CONTROLADOS BIPERIDENO CLORIDRATO 2MG CAPSULA

UN.

ARRUELA 3;5/4.0 - FEITO DE AÇO

TÉRMINO: 11 / 07 / 2013 VALOR ESTIMATIVO: R$ 78.542,80 (setenta e oito mil quinhentos e quarenta e dois reais e oitenta centavos)

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

1

PRAZO: 12 (doze) meses

41

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

centavos)

OBJETO: AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS COMUNS E CONTROLADOS visando atender as necessidades do

38

ITEM

Nº 034 / 2012 rev. 01 _ fev / 13

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 270 / 2012

25

VALOR ESTIMATIVO: R$ 541.320,00 (quinhentos e quarenta e um mil trezentos e vinte reais)

1

ITEM

FR

22

TÉRMINO: 04 / 09 / 2013

INÍCIO: 03 / 09 /2012

FORMOL 37% 1000ML FRASCO

14

INÍCIO: 05 / 09 /2012

Silva – HPM .

960

FR

7

Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM.

instrumental em regimes de comodato visando atender as necessidades do Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da

FENOTEROL 157 BROMIDRATO SPRAY 10ML FRASCO

4

PREGÃO PRESENCIAL Nº 025 / 2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE EQUIPO MACROGOTAS e MICROGOTAS diversos visando atender as necessidades do

VALOR ESTIMATIVO: R$ 244.254,64 (duzentos e quarenta e quatro mil duzentos e cinquenta e quatro reais e sessenta e quatro

DIPIRONA 500MG 138 COMPRIMIDO

ITEM

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 035 / 2012

PRAZO: 12 (doze) meses

299,000

R$

CNPJ Nº 00.071.343/0001-47 R$

TÉRMINO: 02 / 09 / 2013

DIOSMINA + HESPERIDINA 136 450MG+50MG COMPRIMIDO

362

EMPRESA DETENTORA DO REGISTRO: MICROMED COMÉRCIO E REPRESENTAÇÕES LTDA

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 577 / 2012

DIMETICONA 75MG/ML10ML FRASCO

349

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

CNPJ Nº 03.367.004/0001-09

FR

242

VALOR TOTAL

INTERESSADO: FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM

DEXCLORFENIRAMINA 125 MALEATO 2MG/5ML120ML SOL. ORAL FR

169

Nº 035 / 2012 rev. 01 _ mar / 13

EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

CLINDAMICINA 106 CLORIDRATO 300MG CAPSULA

134

R$

VALOR UNIT.

BAYTON

3.240,960

AZITROMICINA 500MG COMPRIMIDO

TEUTO

MARCA

7200

720,000

32

100

QUANT.

CPR

1.900,800

AMBROXOL XAROPE PEDIATRICO 15MG/5ML100ML

FR

UN.

LOTE 1 - MEDICAMENTOS COMUNS

LOTE 1 - MEDICAMENTOS COMUNS

94

FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ – FMHM EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS _ 2ª publicação trimestral

VALOR ESTIMATIVO: R$ 29.743,56 (vinte e nove mil setecentos e quarenta e três reais e cinquenta e seis centavos)

INÍCIO: 12 / 07 / 2012

9

PREFEITURA MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ

TÉRMINO: 11 / 07 / 2013

PRAZO: 12 (doze) meses

ITEM

ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Hospital Público Municipal Dr. Fernando Pereira da Silva – HPM.

PREGÃO PRESENCIAL Nº 019 / 2012

400,00 R$ 244.254,64

NEWTON JOSE Diretor Presidente

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ Fundação Municipal Hospitalar de Macaé PORTARIA n º 101/2013 O DIRETOR PRESIDENTE da FUNDAÇÃO MUNICIPAL HOSPITALAR DE MACAÉ - FMHM, no uso de suas atribuições legais, conforme solicitação do Ofício G/P nº 007/2013; RESOLVE, Conceder licença por motivo de doença em pessoa da família, pelo prazo de 60 (sessenta) dias, para a servidora SUELEN PESSANHA VELASCO, matrícula 3527, conforme Art. 77 da LC 011/98 Alterada pela LC 180/2011, a contar de 25 de Janeiro de 2013. Diretor Presidente da FMHM, em 02 de Abril de 2013. NEWTON JOSÉ Diretor Presidente FMHM


12 Geral

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

EDUCAÇÃO

Governo anuncia novo convênio com a UFRJ Encontro realizado ontem definiu novas estratégias para o ensino na área da saúde

O

prefeito Dr. Aluízio (PV) apresentou na última segundafeira (1º) os termos do convênio que será firmado dentro dos próximos dias com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) ao Reitor da Universidade, Carlos da Conceição Levi, no auditório do Centro de Educação Integrada em Saúde do Hospital Público Municipal (HPM). O documento já foi assinado pelo prefeito, que aguarda o retorno do parecer da universidade e sua assinatura para oficializar o convênio, que prevê a realização de uma série de iniciativas para a melhoria das atividades práticas acadêmicas do curso de Medicina da UFRJ. Durante a apresentação, também estiveram presentes o secretário Municipal de Saúde, Flávio Antunes, o presidente da Fundação Municipal Hospitalar de Macaé (FMHM), Newton José, o diretor da UFRJ-Campus Macaé, Gilberto Dolejal Zanetti, o diretor da Faculdade de Medicina da UFRJ, Roberto Medronho, a coordenadora do Curso de Medicina da UFRJ em Macaé, Jussara Khouri, o representante do

Ministério da Saúde, Rodrigo Oliveira, e o diretor Administrativo do Hospital São João Batista, Sávio Rocha, além de estudantes do curso de Medicina da UFRJ. Entre os termos do convênio estão a disponibilização, até o segundo semestre deste ano, de cerca de 60 leitos de internação eletiva para Clínica Médica e Cirurgia para a realização de atividades de assistência em saúde a serem desenvolvidas pela UFRJ. Também haverá a cessão de uma área de cerca de 1,5 mil metros quadrados no bairro Novo Horizonte para a construção de uma unidade básica de saúde, com a implantação e manutenção de cinco equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF). O convênio também visa formalizar a cessão do prédio do antigo Hospital do Sase à UFRJ para a criação de um Centro de Especialidades Clínicas e Cirúrgicas, que também ofertará atendimento ambulatorial promovido pelos estudantes do curso de Medicina. Durante o período de obras de reforma do antigo Hospital do Sase, serão cedidas seis salas do Centro de Convivência do Idoso para

FLÁVIO SARDOU/SECOM

Autoridades definiram metas para serem alcançadas nos próximos meses a realização de atendimento ambulatorial por parte dos estudantes. De acordo com Dr. Aluízio,

RESULTADO DOS JULGAMENTOS FEVEREIRO/2013, REALIZADOS PELA JARI – 1 ª JUNTA ADMINISTRATIVA DE RECURSOS DE INFRAÇÕES, ATRAVÉS DAS ATAS Nº PI/09/2013 (04/02/2013), PI/10/2013 (06/02/2013), PI/11/2013 (08/02/2013), PI/12/2013 (19/02/2013), PI/13/2013 (20/02/2013), PI/14/2013 (21/02/2013), PI/15/2013 (25/02/2013), PI/16/2013 (28/02/2013): PROCESSOS DEFERIDOS:

000487/13

007293/12A

005321/12A

005323/12A

0005381/13

005322/12A

005380/12A

006244/12A

003666/12A

006794/12A

000879/13

000880/13

007348/12A

PROCESSOS INDEFERIDOS

este conjunto de ações garante à Universidade e seus estudantes a utilização de espaços importantes de atendimento em saúde do município, como o Hospital São João Batista e o Hospital Público Municipal (HPM), o que afetará diretamente no aumento da qualidade de ensino da Medicina na região. “Já assinamos o documento com os termos propostos à universidade para deixar claro o nosso interesse e empenho em fazer desta parceria com a UFRJ algo positivo para a cidade como um todo. A universidade já sinalizou que o convênio será assinado por parte dela em breve, tendo que aguardar apenas os trâmites burocráticos para oficializá-lo. Assim que o convênio for oficial, já iremos iniciar a construção da unidade de saúde e a reforma do Hospital do Sase, assim como disponibilizar de imediato os leitos de internação não emergencial para os estudantes”, explicou o prefeito. O reitor destacou que por muito tempo foram definidas e redefinidas estratégias para que este apoio acontecesse. “Apesar de toda a espera

e dificuldade, hoje estamos tomando conhecimento dos termos deste convênio, o que nos deixa muito honrados em poder realizar esta parceria com a Prefeitura de Macaé. As dificuldades nos ensinaram a compor as parcerias corretas para consolidar a qualidade de ensino da UFRJ no interior fluminense, como é o caso de Macaé, e agora temos certeza que todos sairão vitoriosos com a realização deste convênio”, frisou o Reitor da UFRJ, Carlos da Conceição Levi. O representante do Ministério da Saúde, Rodrigo Oliveira, realizou uma apresentação sobre saúde pública para os estudantes, ressaltando a importância do apoio dos governos municipais para as atividades acadêmicas. “Este convênio é uma oportunidade para Macaé, para a UFRJ, para os estudantes e para toda a sociedade. Macaé está de parabéns por ter uma prefeitura que enxergou com seriedade a questão da saúde e do ensino no município e que está disposta a levar um serviço de qualidade para a população, chamando inclusive

000460/13

000461/13

000467/13

000481/13

000497/13

002388/12A

004448/12A

004794/12A

005059/13

005376/12A

005893/12A

000546/13

004880/12A

006605/12A

000569/13

000595/13

000596/13

000599/13

000606/13

000607/13

005297/12A

005799/12A

005950/12A

000626/13

000627/13

007334/12A

000642/13

000652/13

000663/13

000687/13

005319/12A

007300/12A

007500/12A

006702/12A

007771/12

000602/12A

000722/13

0007261/12

000727/13

000738/13

000743/13

000744/13

000746/13

000747/13

000753/13

000754/13

000755/13

000756/13

000761/13

000773/13

000774/13

005461/12A

006291/12A

000787/13

000790/13

000798/13

000799/13

000800/13

000814/13

000815/13

000820/13

007165/12A

007265/12A

000842/13

005086/12A

006165/12A

006569/12A

006793/12A

006798/12A

007347/12A

000842/13

004372/12

000443/13

000444/13

000918/13

001433/05E

006801/12A

000446/13

000912/13

000913/13

Carapebus, 28 de março de 2013. Amaro Fernandes dos Santos Prefeito Municipal

000914/13

000915/13

000916/13

000917/13

000444/13

ANEXO I

006318/12A

000885/13

005491/13

006809/12A

000909/13

o Ministério da Saúde para participar do processo. Sabemos dos desafios de se fazer saúde pública, mas Macaé tem gestão política, recursos técnicos e financeiros, mão de obra, parceiros e, o mais importante de tudo, vontade política. Macaé está na frente de muitas cidades e acima da média geral e tem tudo para fazer desta parceria uma vitória para a população”, destacou Rodrigo. “Não queremos apenas ceder espaços físicos para a universidade em Macaé. Nosso objetivo é dar um novo sentido, uma nova oportunidade para o município e sua população de poder usufruir de um ambiente melhor, de profissionais mais capacitados e de atendimentos mais humanizados em saúde. Os estudantes terão formação médica, mas também humana, e nada melhor para aprender a lidar com as pessoas do que colocá-los em contato direto com aqueles que um dia serão seus pacientes. Queremos reconstruir a saúde do nosso município e isso tem que acontecer também na base do ensino”, ressaltou Dr. Aluízio.

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Carapebus Gabinete do Prefeito DECRETO Nº: 1.567 Abre crédito suplementar O Prefeito Municipal de Carapebus, no uso de suas atribuições legais e com base no preceituado no art. 2º da Lei Municipal nº 543/12 e nos parágrafos 2º e 3º do art. 43 da Lei Federal nº 4.320/64. DECRETA: Art. 1º - Abre Crédito Suplementar na importância de R$ 258.000,00 (Duzentos e cinquenta e oito mil reais) para dotações orçamentárias constantes no Anexo I. Art. 2º - Os recursos para atender o artigo 1º serão provenientes de anulações total ou parcial de dotações constante no Anexo I. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

000910/13

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Carapebus Gabinete do Prefeito DECRETO Nº: 1.568

Estado do Rio de Janeiro Prefeitura Municipal de Carapebus Gabinete do Prefeito DECRETO Nº: 1.569

Abre crédito suplementar

Abre crédito suplementar

O Prefeito Municipal de Carapebus, no uso de suas atribuições legais e com base no preceituado no art. 2º da Lei Municipal nº 543/12 e nos parágrafos 2º e 3º do art. 43 da Lei Federal nº 4.320/64.

O Prefeito Municipal de Carapebus, no uso de suas atribuições legais e com base no preceituado no art. 2º da Lei Municipal nº 543/12 e nos parágrafos 2º e 3º do art. 43 da Lei Federal nº 4.320/64.

DECRETA: Art. 1º - Abre Crédito Suplementar na importância de R$ 157.200,00 (Cento e cinquenta e sete mil e duzentos reais) para dotações orçamentárias constantes no Anexo I. Art. 2º - Os recursos para atender o artigo 1º serão provenientes de anulações total ou parcial de dotações constante no Anexo I. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

DECRETA: Art. 1º - Abre Crédito Suplementar na importância de R$ 459.600,00 (Quatrocentos e cinquenta e nove mil e seiscentos reais) para dotações orçamentárias constantes no Anexo I. Art. 2º - Os recursos para atender o artigo 1º serão provenientes de anulações total ou parcial de dotações constante no Anexo I. Art. 3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Carapebus, 28 de Março de 2013. Amaro Fernandes dos Santos Prefeito Municipal

Carapebus, 28 de Março de 2013. Amaro Fernandes dos Santos Prefeito Municipal

ANEXO I

ANEXO I


MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

Esporte

13

NOTA

Macaé Basquete está na semifinal da Copa Brasil Sudeste, após vencer sequência de jogos em Minas, Alvianil das quadras avança rumo à Super Copa Brasil

ELIMINADO

DIVULGAÇÃO

Macaé é goleado e se despede da Copa Rio Sub 17 Alvianil Praiano é massacrado por 7 a 0 pelo juvenil do Vasco da Gama Letícia Santana leticiasantana@odebateon.com.br

N

ão deu para os garotos do Macaé Esporte. Após se classificar para as oitavas de final da Copa Rio Sub 17, a equipe juvenil do Leão Praiano foi derrotada por 7 a 0 pelos “Meninos da Colina”, na noite desta segunda-feira (1), em Miracema e está fora da próxima fase da competição. Já o Vasco da Gama avança para as quartas e enfrenta o Sport Recife hoje (3), em Cabo Frio. Os meninos do Alvianil bem que tentaram, mas não foi possível vencer a forte equipe do Vasco que sofreu apenas um gol em quatro jogos e se mantém 100% na competição. Os

gols da partida foram marcados pelos atacantes Renato Kayser (artilheiro da competição que anotou quatro gols contra o Macaé), Caio Monteiro, Bruno Cosendey e Leandro Muriqui. O time cruzmaltino dominou a partida desde o primeiro minuto e logo em seu primeiro ataque inaugurou o marcador com o atacante Renato Kayser. O segundo gol foi marcado por Caio Monteiro, que viu na sequência o companheiro marcar mais três gols, sendo um deles

O Macaé tentou chegar ao gol de Juninho, mas o forte sistema defensivo do Vasco impediu qualquer tipo de ameaça de calcanhar, após cobrança de falta do meio-campista Igor Santos. Bruno Cosendey e Leandro Muriqui fecharam o placar no segundo tempo. Sem chances de reação, o Macaé tentou chegar ao gol de Juninho, mas o forte sistema defensivo do Vasco impediu qualquer tipo de ameaça. Já nas quartas de final, o

Duelos das quartas de final, quarta-feira (03): Flamengo x Atlético, 09h30, em Barra Mansa. Fluminense x Vitória, 12 horas, em Barra Mansa. Sport x Vasco, 16 horas, em Cabo Frio. Bahia x Internacional, 19h30, em Cabo Frio

Vasco viaja até Cabo Frio para enfrentar o Sport (primeiro colocado na chave do Macaé) que passou pelo América Mineiro

na disputa das oitavas. Pelo regulamento da competição, a partir da segunda fase até a decisão, se porventura os

jogos terminarem empatados no tempo regulamentar, a vaga e/ou o título será decidido nas cobranças de pênaltis.

CARIOCÃO SÉRIE B

Serra e São João da Barra se enfrentam hoje no Carneirão DIVULGAÇÃO

Desfalcado, alviverde serrano vai lutar para assumir a liderança do Grupo A da Taça Santos Dumont após dez dias sem atuar na Taça Santos Dumont, o Serra Macaense volta a campo hoje (3), contra a equipe de São João da Barra. A partida válida pela oitava rodada do Campeonato Estadual da Série B será disputada às 15h30, no Estádio Antonio Carneiro, em Quissamã. Foram dez dias sem pisar nos gramados ( já que na última rodada a equipe conseguiu três pontos por W.O.) e tempo bastante para o técnico Luciano Leandro e seus discípulos estudarem uma maneira de alcançar seus objetivos: conseguir a classificação para a semifinal do Cariocão. Com esse foco, o alviverde serrano vai partir para cima do forte time de Barra de São João em busca de somar pontos e assumir a ponta da tabela do Grupo A. Mas para que a liderança seja alcançada, o Serra não dependerá apenas dele. Em terceiro lugar na sua chave, o representante de Macaé na Série B vai precisar torcer por um tropeço

Serra e São João da Barra entram em campo às 15h30 do Ceres e do América de Três Rios, primeiro e segundo colocados, respectivamente. Para dificultar a situação do time serrano, Luciano Leandro não poderá contar com o jogador Miguel que vem se destacando com boas atuações. O meia está fora da partida por cumprimento de suspensão. O atacante Alexandre Calango também é dúvida para o jogo de hoje. O jogador de 38 anos sentiu a virilha no treino de segunda-feira e pode ser poupado pela comissão médica.

Ainda sem definição, o Serra poderá entrar em campo com as seguintes alterações: o meia Washington deve iniciar a partida no lugar de Miguel, Lorran pode ganhar uma oportunidade no meio campo, no lugar de Leanderson e Gustavo será escalado como titular, caso Calango seja poupado. Independente das modificações para o jogo, o alviverde vai entrar em campo determinado a conquistar a vitória e se aproveitar da vantagem de ser o mandante da partida.


14 Esporte

MACAÉ, QUARTA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2013

ULTRAMARATONA

Ascom abre inscrições para Ultra Desafio 2013 no Sana Percurso de 80 km conta com cenário montanhoso, trilhas e cachoeiras na região serrana de Macaé

O DEBATE

Letícia Santana leticiasantana@odebateon.com.br

A

Associação dos Corredores de Rua de Macaé (Ascom) está com inscrições abertas para a terceira edição do Ultra Desafio de 80 km. O evento que terá início no sexto distrito de Macaé, o Sana, será realizado no dia 8 de junho. Interessados devem se cadastrar no blog da Ascom. As vagas são limitadas. Diferente das edições anteriores, o Ultra Desafio organizado pela Ascom será realizado no mês de junho e não mais em dezembro. De acordo com os organizadores do evento, a data foi alterada para facilitar a conclusão do percurso e proteger a integridade física dos atletas. “Dezembro é verão. O tempo quente deixa a prova mais difícil. Já em junho (inverno), o clima é mais fresco. O atleta terá maiores condições de realizar o percurso sem correr o risco de desidratação”, explica a ultramaratonista e secretária da Ascom, Vera Mota. Vera informou que além da data, o percurso da prova também sofrerá alteração para contribuir com o bem-estar dos participantes. “Na edição do ano passado, os organizadores decidiram encerrar a prova no quilômetro 61, pois vários corredores sofreram bastante com a desidratação. São muitas subidas íngremes e passagens por trilhas fechadas. Como no inverno o tempo escurece mais cedo, não podemos expor os atletas a qualquer tipo de perigo. Então estamos

O Ultra Desafio da Ascom será realizado no dia oito de junho, com largada prevista para às 7h, no Sana reformulando o percurso para que todos possam concluí-lo”, acrescenta a ultramaratonista que completa que o evento terá uma ambulância que prestará apoio aos participantes, caso haja necessidade. Apesar das alterações, a ter-

ceira edição da ultramaratona não vai perder suas características. Os atletas vão enfrentar um percurso com subidas, no asfalto, no meio da mata, próximos as cachoeiras, lagos e tudo o que há de mais bonito e exuberante que a região do Sana

pode oferecer. De acordo com a organização, além da difusão desta modalidade esportiva, o evento também tem como objetivo a valorização das belezas naturais da Região Serrana de Macaé. Na primeira edição do Ultra

Desafio (dezembro de 2011), Vera foi a melhor na categoria feminino e repetiu o feito no evento de 2012. Na categoria masculino, Jorge Cerqueira foi o primeiro campeão da prova e na edição do ano passado, Leandro Albuquerque foi o melhor

entre os homens. Os interessados em participar devem preencher a ficha de inscrição no blog da associação: www.ultramacae.blogspot.com. Mais informações sobre o evento também estão disponíveis na página eletrônica.


ODebate-03-04-2013