Issuu on Google+


MACAÉ, DOMINGO, 26 E SEGUNDA-FEIRA, 27 DE JANEIRO DE 2014

Educação 7

Inscrição para Projovem Urbano segue até dia 31 A ideia da Prefeitura de Macaé é contemplar 600 jovens que tenham entre 18 e 29 anos e que não concluíram o Ensino Fundamental

P

roporcionar ao jovem a oportunidade de concluir o Ensino Fundamental, capacitação profissional, além do desenvolvimento de atividades que promovam a inserção social. Estes são os três principais objetivos do Projovem Urbano, cujas inscrições seguem até o próximo dia 31. A ideia da Prefeitura de Macaé é contemplar 600 jovens que tenham entre 18 e 29 anos e que não concluíram o Ensino Fundamental. Para se inscrever, no entanto, o jovem não necessita apresentar Histórico Escolar ou comprovante de escolaridade. É

necessário, neste caso, que ele comprove que sabe ler e escrever. A comprovação de alfabetização se dá por meio de uma avaliação que o jovem fará no ato da inscrição no curso. As vagas oferecidas pelo município são nas unidades: Colégio Municipal Dr. Cláudio Moacyr de Azevedo, localizado no Parque Aeroporto; e na Escola Municipal Balneário Lagomar, localizada no Lagomar. De acordo com a coordenação do curso, apesar de aulas já terem começado, o jovem que se inscrever até o próximo dia 31, também estudará todo o conteúdo planejado. As aulas são mi-

nistradas no turno da noite. O projeto dispõe qualificação profissional na área de administração, além de permitir que o jovem conclua o Ensino Fundamental em apenas 18 meses. Se fosse na modalidade regular, a duração mínima de conclusão seria de quatro anos e, caso fosse na modalidade de Educação de Jovens e Adultos, duraria, no mínimo, dois anos. A coordenadora do Projovem Urbano, Lourdes Miranda, orienta aos jovens a não perderem o período de inscrição, muito menos a iniciação básica em algumas áreas profissionais. “Es-

ta será a chance para que muitos possam terminar o ensino fundamental e obter capacitação para disputar o mercado de trabalho”, declarou. A intenção do Projovem Urbano é contribuir para a prática da cidadania dos jovens macaenses. Para efetuar o cadastro, o jovem deve apresentar carteira de identidade, CPF, comprovante de residência, histórico escolar, declaração de escolaridade e uma foto 3 x 4. Caso não possua a declaração de escolaridade e histórico escolar, o candidato passará por um teste de proficiência para análise de aptidão no

ingresso do jovem no programa. A elaboração do teste é por conta do Ministério da Educação. Além da qualificação e capacitação, programa oferece ainda uma bolsa-auxílio mensal no valor de R$ 100, caso o aluno apresente, no mínimo, a frequência de 75% das aulas e trabalhos solicitados pelos docentes. Os alunos também contam com o material didático específico e merenda escolar. Cabe ressaltar que para o aluno receber o auxílio-financeiro, não é necessário que esteja desempregado, basta apenas seguir os requisitos descritos acima.


MACAÉ, DOMINGO, 26 E SEGUNDA-FEIRA, 27 DE JANEIRO DE 2014

Educação 9


MACAÉ, DOMINGO, 26 E SEGUNDA-FEIRA, 27 DE JANEIRO DE 2014

Educação 13

Secretarias têm até dia 31 para aderir ao programa Até dia 24 tinham aderido ao programa mais de 600 muncípios em todo o Brasil

A

s secretarias de educação dos estados, do Distrito Federal e dos municípios têm prazo até 31 deste mês para informar ao Ministério da Educação sobre a abertura de novas turmas de educação de jovens e adultos, conforme prevê a Resolução nº 48, de dezembro de 2013. Mauro Silva, diretor de políticas de alfabetização e educação de jovens e adultos do Ministério da Educação, considera que o novo prazo de adesão é necessário para que estados e municípios possam consolidar o processo de planejamento e in-

KANÁ MANHÃES

serção de dados no Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle do MEC (Simec). Conforme dados da diretoria de educação de jovens e adultos, até o momento, aderiram ao programa 606 municípios e as secretarias estaduais do Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Santa Catarina e Tocantins. Mauro Silva explica que a Paraíba e o Piauí são as unidades da Federação que se destacam pelo número de municípios com maior adesão. A Paraíba aparece com 105 municípios e o Piauí, com 64.

Macaé oferece a modalidade em dezenas de unidades municipais


16 Educação

MACAÉ, DOMINGO, 26 E SEGUNDA-FEIRA, 27 DE JANEIRO DE 2014


Caderno Educação 26 01 2014