Issuu on Google+

Ilustradores,

o mundo estรก infestado deles pรกgina 6


EDIÇÃO 1 | ANO 1 | DEZ 2011

Colaboradores Anderson Alex Mathias Estudante e desenvolvedor de jogos digitais, ilustrador nas horas vagas que acredita no mercado brasileiro de games e apaixonado por RPG e lego. www.mathanderson.blogspot.com Ila Fox Ilustradora freelancer, formada em artes plásticas com ênfase em Artes Gráficas pela UEL. www.ilafox.com

Expediente Direção: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Redação: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Comercial: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Revisão: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Edição: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Assessoria de Comunicação: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

Direção de Arte: Marlise Silva nickysplan@gmail.com Design: Marlise Silva nickysplan@gmail.com Assistente de Criação: Marlise Silva nickysplan@gmail.com

02

Distribuição: Marlise Silva nickysplan@gmail.com Tiragem: 10.000 exemplares Circulação Nacional

Alopra Estúdio Nasceu em 2004 para tornar realidade o sonho de três jovens que têm na veia o desenho e a ilustração como inspiração. A paixão deu certo e hoje o estúdio atende às demandas do mercado de comunicação em todo o Brasil, com a missão de ser uma solução criativa e um simplificador no processo da produção de ilustrações e animações. www.alopra.com.br

Capa CAPA / CONTRA MAURICIO HERRERA Chile http://el-grimlock. deviantart.com/


EDIToriaL

Sempre pensei que se um dia eu realmente fosse escrever um editorial para uma revista, eu já teria muita experiência. Bem, pelo menos eu já teria escrito um livro, plantado uma árvore e tido um filho. Se bem que a parte de plantar uma árvore eu já fiz. Meu livro está pela metade, no ponto que tenho até “cobaias” lendo. E sobre o filho.. vamos deixar pra quando eu tiver muita experiência. Algo que sempre me fascinou em livros e revista de ilustrações, ora vejam só: foram exatamente as ilustrações! Além de como o tema é abordado, que já é um grande diferencial. Mas sempre me peguei sentada em algum canto folheando páginas coloridas criadas por algum ilustrador desconhecido e ao mesmo tempo hipnótico. E não é assim que as crianças começam a gostar dos livros? Pelas figuras coloridas? E tem gente que acaba tendo gosto pela coisa, Torna-se ilustrador. Um verdadeiro dono de seu próprio mundo de faz de conta. Espero que você folheie a TAG com a curiosidade de uma criança e a sagacidade de um dono de mundo.

03


Índice

06 fonte: deviantart.com artista: RafusChan

06

Capa Ilustradores, o mundo está infestado deles

14

Portfólio Portfólios, artistas no mundo inteiro


Índice

33

Papo Cabeça Quem quer ser um ilustrador?

43

Zoom neles Alopra estúdio de ilustração

05


fonte: deviantart.com artista: timmolloy

06


Capa

o mundo está infestado deles

Ilustradores,

Para começar a falar sobre os ilustradores, vamos voltar no tempo, na pré-história, durante o período paleolítico, ou Idade da Pedra Lascada. Foram aí que as primeiras formas de desenho surgiram e acredita-se que elas possuíam caráter religioso, como por exemplo para ter proteção ou ter uma caçada farta Esses desenhos eram feitos nas paredes das cavernas, usavam carvão, pedras de cal e outras coisas. Mas afinal, o que é uma ilustração?

Reportagem: O Guia do Ilustrador Edição: Nicky Silva

07


Capa

A definição geral que se poderia encontrar em dicionários é que ilustração é toda imagem, desenho ou foto, que serve para ilustrar algo, normalmente um texto, de forma a facilitar a sua compreensão. Foto? Sim, foto também é uma imagem, e consequentemente pode servir para ilustrar algo, portanto também é uma ilustração. Mas com o tempo, e para se evitar confusões, convencionou-se chamar “foto” de foto mesmo, e “ilustração” passou a designar o desenho, independentemente da técnica de acabamento. Assim, foto e ilustração servem mesmo para se acompanhar um texto ou servir de complemento de informação. É diferente de uma pintura ou de uma obra de arte, como há em galerias, em paredes e exposições, porque serve a um propósito, a uma solicitação, um cliente, ou para comunicar uma idéia ou conceito através de uma linguagem não-verbal. A diferença da obra de arte, ou fine arts, como alguns chamam, é que nas artes plásticas a obra não necessita de

08


fonte: deviantart.com artista: *asuka111

09


fonte: deviantart.com artista: haryarti-d4huk92

10


é algo interpretativo, e muitos artistas realmente contam com a sensibilidade do espectador para que ele interprete como quiser. A comunicação é mais receptiva do que transmissiva. Na ilustração é o contrário, existe uma mensagem clara e definida, que precisa ser comunicada e recebida conforme o ilustrador a concebeu. Podem haver metáforas, comparações, sínteses, mensagens subliminares, e até um certo nível de mensagem cifrada, códigos de comportamento ou regionalismos, um “sotaque” entre aspas, mas o artista neste caso quer que o espectador entenda o que ele quis dizer. Mas o fato da ilustração ser feita sob encomenda não significa que não seja uma obra de arte, é apenas uma outra forma de expressão dentro das artes plásticas.

“...existe uma mensagem clara e definida, que precisa ser comunicada e recebida conforme o ilustrador a concebeu.”

um propósito específico,

Algumas das mais belas obras de arte universal são, na verdade, ilustrações de livros. As gravuras de Gustave Doré são ilustrações para a Divina Comédia de Dante. Botticelli também havia feito ilustrações para o mesmo livro muitos anos antes, assim como William Blake e Salvador Dali, em versões mais recentes. Desde os pergaminhos egípcios, passando pelo Livro de Kells até as histórias em quadrinhos atuais feitas por Bill Sienkiewicz são exemplos de artes plásticas do mais alto nível. Toulouse Lautrec e Alphonse Mucha eram ilustradores, receberam encomendas, todas com briefing, e hoje tudo o que produziram estão entre as mais belas obras de arte. Portanto, a ilustração é uma forma de expressão artística que existe para comunicar, complementar textos e tornar a vida bem mais atraente.

11


fonte: deviantart.com artista: `AquaSixio

12


13


fonte: obrunomota.com artista: Bruno Mota

14


portfólio

artistas no mundo inteiro

Portfólios

Portfolio é uma lista de trabalhos de um profissional ou empresa. Pode ser considerado seu perfil público. Um bom portfolio deve ser bem estruturado, organizado e limpo. A seleção dos trabalhos deve ser rigorosa. Escolha os melhores. Qualidade é melhor que quantidade. Agora veja portfólios inspiradores para você montar o seu.

15


PORTFÓLIO PERFIL

Jason Chan Califórnia, EUA Estudante, Illustrator Atualmente estudando na Academia de Arte em San Francisco www.jasonchanart.com

16


17


18


19


PORTFĂ“LIO PERFIL

Daniela Uhlig Berlin, Alemanha Freelancer, Illustratora Atualmente trabalhando numa pequena compania de game design. www.du-artwork.de

20


21


22 16


23


PORTFÓLIO PERFIL

Pedro Henrique Ferreira São Paulo, SP Illustrator trabalha com ilustração e infográficos em uma empresa de Internet da grande São Paulo. http://www.flickr. com/photos/ pedrohenriqueferreira/

24


25


26


27


PORTFÓLIO PERFIL

Michal Dziekan Vasóvia, Polônia Illustrator, designer e diretor de animação www.michaldziekan.com

28


29


30


31


fonte: deviantart.com artista: Rozefire

32


Papo cabeça

ser um ilustrador?

Quem quer

Toda semana recebo pelo menos um e-mail ou comentário no blog me perguntando como aprender a desenhar, qual curso fazer, qual preço cobrar... mas basicamente a duvida é sempre a mesma: “Ilaaa, como faço para ser um ilustrador??” Bom, não me considero uma expert no assunto, até porque comecei há pouco tempo também, mas se estou conseguindo ganhar um dinheiro digno com isso é que alguma coisa eu devo ter feito certo né mesmo? Já vou adiantando que não existe fórmula secreta, nem caminho tracejado para se seguir. As dicas que vou dar são só as respostas às perguntas básicas que os ilustradores iniciantes se fazem ok? Pronto Pequeno Gafanhoto?

Reportagem: Ila Fox Edição: Nicky Silva

33


Papo cabeça

Onde aprender a desenhar Quem parte para esta área normalmente já tem uma noção de como desenha e só está em busca de aperfeiçoamento. Querendo ou não, um profissional ainda é mais respeitado se tiver um curso superior. Fora que é na faculdade onde são feitos muitos dos seus primeiros contatos profissionais. Porém, pouquíssimas faculdades parecem realmente preocupadas com seu futuro profissional, lançando muitas vezes um recém formado totalmente despreparado no mercado. Um jeito rápido de aprender é fazendo um curso intensivo. Se na sua cidade não tem nenhum curso bacana, a internet está aí para te dar uma luz. Pesquise por outros ilustradores, leia tutoriais, assista vídeos aulas... O que é fundamental mesmo é ter muita bagagem cultural: ler muito, assistir muito, viajar muito... tudo isso só acrescenta. Ou seja: não dá para ficar sem estudar, fazendo ou não fazendo uma faculdade.

34

Fonte: www.quantaacademia.com Artista: Quanta Academia de Artes


Papo cabeça Estilos e técnicas Vejo que alguns ilustradores ficam obcecados em busca do seu próprio estilo. Acho que isso tudo depende do nicho do mercado que você quer atingir. Alguns ilustradores tem os traços tão particulares que são contratados justamente pelo seu estilo único. Tem também aqueles que são mais versáteis, capazes de desenhar em diversos estilos e técnicas, podendo assim alcançar um leque maior de clientes. E por falar em técnicas, existem várias: lápis de cor, grafite, aquarela, guache, óleo, giz pastel, nanquim… particularmente eu gosto muito da técnica digital. Mas o que importa mesmo é dominar a ferramenta, seja ela qual for, pois até hoje nenhum material ou programa aprendeu a desenhar sozinho.

fonte: deviantart.com artista: ZurdoM

35


Onde trabalhar Tem quem ache que só dá para ganhar dinheiro desenhando super heróis para o mercado de quadrinhos americano. Não é bem assim. Se você olhar bem a sua volta, vai ver que existem ilustrações em praticamente todos os lugares: nas embalagens, nas propagandas, nos manuais de instrução, nas revistas, até na sua roupa. Para isso existem muitas áreas onde se pode atuar: ilustração editorial e publicitária, infantil, científica, moda, jogos, animação… Alguns trabalham em estúdios, outros são freelancers. Trabalhar em estúdio tem a vantagem de ter uma estabilidade maior. Fora toda aquela segurança que só a carteira assinada pode oferecer. Porém, você perde um bom tempo em transito. Tem aquele stress de cumprir horários. De não ser reconhecido pelo seu traballho De ser submetido a um ambiente pouco estimulante, etc... Sendo freelancer você tem uma flexibilidade maior com horários que se convertem em qualidade de vida. Trabalhar no conforto da sua casa, ou até mesmo poder descansar entre um cliente e outro, não tem preço. Porém com toda esta liberdade você precisa ser muito disciplinado também. Principalmente com prazos, já que se você enrolar, é só você quem tem a perder. Veja com qual área você se identifica mais, qual combina mais com o estilo de vida que busca e mande ver nas oportunidades! fonte: deviantart.com artista: ailah

36


Papo cabeça

Quanto vale sua arte

sempre! pois ninguém nasce sabendo

Este é um assunto que tira o sono de muito ilustrador iniciante (e outros nem tão iniciantes assim), pois existem uma série de fatores que influenciam o preço do seu trabalho final. Desde a complexidade do desenho ao tamanho do cliente. Vale dizer que mais importante que saber desenhar é saber cobrar, e é aí que mora o problema. Vejo muita gente talentosa querendo dominar a técnica como ninguém. Fazem cursos, compram livros, garimpam sites a procura de tutoriais... mas não tem a mínima noção de empreendedorismo. Na hora de lidar com cliente não sabem cobrar, se sentem inseguros, agem sem preparação. Impedindo o próprio crescimento profissional e atrapalhando o mercado. Para finalizar, saiba que ser ilustrador é uma profissão como qualquer outra. Não adianta querer seguir esta carreira se você mesmo encara isso como brincadeira. Você vai perceber que para ser um ilustrador não basta saber desenhar, você tem que saber dar seu valor, ser ético, atender bem um cliente, cumprir prazos, ter uma postura profissional… ou seja: você tem que levar a coisa a SÉRIO se você quer ser levado a SÉRIO!

“Não adianta querer seguir esta carreira se você mesmo encara isso como brincadeira.”

desenhar e provavelmente vamos morrer achando que não sabemos desenhar tanto quanto gostaríamos. Talento sem prática não é nada. O segredo é desenhar sempre, todos os dias! E se conseguir ganhar dinheiro com isso, melhor ainda!

Links úteis Para maiores informações existe um texto que é leitura obrigatória: O Guia do Ilustrador. Lá eles orientam e dão dicas essenciais para quem pensa em começar nesta área. E é de graça! http://www.guiadoilustrador.com.br/ O site da SIB (Sociedades dos Ilustradores Brasileiros) tem um ótimo material de consulta, desde referencia de preços até exemplos e contratos. http://www.sib.org.br/ Gosto muito de escutar o podcast Fala Freela. Embora não seja voltado precisamente para Ilustradores, muitos assuntos cabem perfeitamente para nós, principalmente os ilustradores freelancers. http://falafreela. com.br/category/episodios Para dúvidas mais específicas, recomendo o Ilustragrupo. É um grupo de discussão onde conta com a presença de vários ilustradores. Tem sempre alguém disposto a dar uma

Mas acho que independente da sua

mãozinha. http://br.groups.yahoo.com/

experiência, do estilo, da técnica, se fez uma

group/ilustragrupo/

faculdade ou não, o importante é praticar

37


fonte: deviantart.com artista: randyblinkaddicter

38


fonte: deviantart.com artista: JPRart

39


fonte: deviantart.com artista: nebezial

40


41


fonte: deviantart.com artista: Rozefire

42


ZOOM NELES

estúdio de ilustraç~ão

Alopra

Em 2001, motivado de um sonho de criança, Nicholas Paim, trabalhava em uma agência de web. Lá teve de criar uma familia para a AES Sul chamada Família Voltz, tais desenhos deram tão certo que eles acabaram indo para um curtametragem sobre eficiência energética. Lembrou então de um colega de faculdade que sabia desenhar, o nome dele era Elton Bandeira, que por sua vez tinha um amigo de colégio chamado Armando Rezende. Alguns meses depois acabou saíndo da agência e mais tarde meus futuros sócios também, indo cada um pra um lado, mas ali viam que talvez pudessem trabalhar somente com desenho, mas ainda não entendiam como. Passados 2 ou 3 anos e algumas conversas esparsa, Nicholas resolveu deixar a última agência de publicidade em que trabalhava para tentar então trabalhar exclusivamente com frees de ilustração, e no dia de sua despedida dessa agência, saíndo de um bar, encontrou o Armando e o Elton casualemente, e contou “Pedi demissão e estou indo trabalhar somente com desenho!”. E eles prontamente responderam: “Então vamos todos!” Alguns meses depois montou-se um portfólio e

www.alopraestudio.com

em janeiro de 2004 colocaram o primeiro site do estúdio no ar.

43


44


ZOOM NELES

TAG: Apresente-se: Porque escolheram esse nome, equipe, endereço.. o que achar que cabe, fique a vontade :) ALOPRA: O nome representa bem a excência da empresa, de resolver as coisas nem sempre sabendo como, de fazer diferente, do prazer de fazer o que gosta. Inicialmente o nome era Alopratoons, mas com o desenvolvimento da empresa vimos que uma parte do nome remetia a um sentido específico, o que acabava nos rotulando, e em janeiro de 2011 colocamos na rua a nova identidade visual e o novo nome da empresa, Alopra Estúdio, Dessa forma mais abrangente vendemos seis serviços, 3 em ilustrações - Ilustração, manipulação e hiperrealismo e 3 em animações - 2d, 3d e motion. Atualmente a empresa está sediada em uma casa com mais de 400m2 e uma equipe de 14 pessoas fixas mais os profissionais terceirizados e freelancers, chegando a um total aproximado de 25 pessoas envolvidas. Conseguimos ainda, desenvolver planos de carreira, sistemas de avaliações, incentivos ao desenvolvimento profissional, além de outras formas de incentivo ao integrante de nossa equipe, fidelizando-o e tornando o trabalho na alopra uma experiência vivida de diversas formas.

45


46


ZOOM NELES

47


ZOOM NELES

T: A equipe tem formação

que vale é o seu talento e acima de

Murai, Tiago Hoisel, Z Axis, Shiko ...”

acadêmica? Quando e como

tudo sua versatilidade.

Estrangeiros: “PSYOP, Vasava, Blur,

começaram a desenhar, etc.

Tamas Gaspar, Dan Lu Visi, McBess,

E na época o que te influenciou

T: Cite ilustradores e artistas

Tim Burton, Banksy, Cheeks 74,

cada um a isso?

de referencia para o estudio

Creature Box, Arthur Depins, além

A: Dois dos 3 sócios são baixarelados

A: São inúmeros e de diversas

Sony e Blue Sky os clássicos, Disney,

em publicidade e propaganda pela

vertentes, na real tudo que

Hanna Barbera, Cartoon Network

PUC, e os demais integrantes variam

assistimos e absorvemos vira

e o mercado francês que produz

de outras diversas formações, como

referência, pois construimos as

materias lindos.

artes plásticas, design e animação,

ideias de nossas bagagens culturais,

Mas acredito mesmo que

mas o fato aqui é que a formação

e alguns artistas nos lembramos

as referências inovadoras e

não é o diferencial e sim o talento da

mais ou menos, mas vou tentar citar

surpreendentes vem dos sites de

pessoa e o desejo de trabalhar com

alguns.

relacionamento, como behance, CG

ilustração e animação, a formação

Nacionais: “Seagulls fly, Marcelo

Society, vimeo e twitter, ali você

pesa na definição do salário mas não

Monteiro, Lobo, Vetor Zero,

tem acesso ao mundo todo, basta

defini se a pessoa está apta a integrar

Manipula, Cisma, Buraco de Bala,

pesquisar.

a equipe ou não, como citei acima o

Platinum FMD, Dado Queiroz, Will

das gigante Pixar, DreamWorks,

48


49


50


ZOOM NELES

T: Ilustração do estúdio

para produzir uma ilustração

favorita.

encomendada?

A: Difícil também, pois a que

A: Pedido de orçamento, negociação,

amamos hoje odiamos daqui a 6

orçamento aprovado, briefing,

meses pois a diferença de qualidade

decupagem, pré produção, produção,

é enorme, atualmente ainda gosto

pós produção, liberação do material,

das ilustrações que estamos fazendo

faturamento.

para as camisetas de final de ano

Ai dentro da etapa de produção

do estúdio, e o trabalho autoral da

tem: rascunho, concept, storyboard,

releitura do George Harrison.

modelagem, rigging, iluminação, textura, animação, e render,

T: Que é utilizada atualmente

algumas etapas podem entrar ou sair

antes de ir pro digital? Ou vai

dependendo o tipo de trabalho.

direto para o digital? T: Atualmente vocês mantém A: Depente o tipo de acabamento

algum vínculo com agência ou

que o trabalho deve ter:

trabalham de forma

Os que mais utilizamos são, fotos,

autônoma?

colagens, recortes, nanquin, guache,

O que consideram o ideal?

lapis de cor e massinha de modelar. A: As vezes acho as minhas respostas T: Quais os softwares usados

evazivas mas tudo depente do

para ilustrar?

que você considera ideal para desenvolver a sua arte, no caso

A: Basicamente as ilustrações são

do estúdio somos autônomos

consebidas a mão, usamos softwares

mas trabalhamos sob encomenda,

para finalizar e desenvolver os

contudo existem outras formas

trabalhos.

e modelos para se trabalhar com

After Effects, flash, Ilustrator,

ilustração no mercado editorial

Photoshop, Maya e ZBrush.

e de comunicação, através de

T: Brevemente, quais os passos

financiamento do governo para

51


projetos autorais, séries ligadas a canais de tv, incentivos de canais para curtas metragens, comissionado através de representantes dentro ou fora do Brasil, divulgando seu trabalho através das redes sociais, sendo terceirizado de produtoras de filmes ou de estúdios de ilustração, trabalhando exclusivamente para clientes diretos.... T: Qual a recomendação para quem quer se inserir no mercado? Dicas? A: - Tenha certeza do que você quer, se ficar na dúvida exitar não vá, mas se você curte e tem certeza da decisão se atire de cabeça, pois existe mercado, só que também seja muito auto crítico pois o mercado exige muito e não perdoa, se você errar está fora. - Descubra se você é versátil ou se tem um traço definido, isso ajudará a você decidir o rumo de sua carreira. - NUNCA entre em zona de conforto, ela é fofinha e quentinha, ai você para e quando se dá por conta esta ultrapassado. - Aprenda a falar inglês, hoje os mercados não tem barreiras. - Escute, veja, sinta, coma, tudo é referência, contudo saiba usa-la e tente não consumir conteúdo de baixa qualidade. - Não ache que porque queres ser desenhista, ou animador que deves consumir somente isso de referências, sua arte é a sua bagagem cultural,

52

“As Informações estão acessíveis a todos, a diferença é o que você consegue fazer com elas, então esse será o seu diferencial.”

ZOOM NELES

então deixe ela mais rica possível, e só então entenderá o que quero dizer. - Desenhe, estude o máximo que você puder, pois o jargão é velho mas é real “só detém o poder quem detém o conhecimento e é isso que fará você e a sua arte se desenvolverem. - As Informações estão acessíveis a todos, a diferença é o que você consegue fazer com elas, então esse será o seu diferencial. - Ache um diferencial para se destacar no meio da galera, descubra qual é o seu. - Persista, muita gente quer trabalhar com o que gosta, com o seu sonho de criança, muitos não tem talento, outros não tem força de vontade, se você tiver os dois, com certeza se dará bem. T: Já tiveram problemas com proteção intelectual de seus trabalhos? O que recomendam para o ilustrador se proteger de possíveis problemas? A: Mais ou menos, Sim - problemas de briefing com agências, que querem produzir algo que é exatamente igual a alguma imagem que já existe e tem direitos, ai temos de rebolar pra fazer o igual mas diferente e que não de problemas autorais, mas isso nem sempre é possível. Não, nenhum desenho nosso foi reproduzido ou utilizado indevidamente, até porque na hora do orçamento você define isso. ●


53


54


56



TAG