Page 1


2

sábado, 13 DE julho de 2013

SOCIAL

Fotos: Carol Lau

por Carol Lau

anacarol.lau@gmail.com

A mais doce Confraria CTRL+A Comemorar dois anos de existência de um evento que só recebe elogios de todos que participam merecia um lugar delicioso para receber a edição de junho deste ano. A edição foi uma delícia em todos os sentidos. No último dia 18, a Croasonho de Santa Cruz abriu suas portas e não deixou nada a desejar. Em um dia chuvoso, ao som do Rodri-

Fabrício Lacerda, Gustavo Renner Hermes e Laércio Dias

go Jaeger, nada melhor do que saborear mini Croasonhos, de diversos sabores, acompanhados de espumantes e sucos da Casa Perini. E com um ambiente assim, o convidado especial da noite não poderia ser nada menos do que o Iotti, interpretando e contato “causos” de seu personagem Radicci, deixando os convidados caírem na gargalhada.

Vanessa Müller, Izadora Silveira, Micheli e Luciano Cezimbra

Flávio e Aracy Goulart

Pâmela Zacharias e Felipe Luz

Diego Rassier, Daniel Bonilla Hernández, Sebástian Amorin e Jacob Braun

EXPEDIENTE Informe Comercial - Revista Valley

Este caderno circula encartado em Zero Hora na tiragem regional dos Vales do Rio Pardo e Taquari - Editor colaborador: Jansle Appel Junior MTB 15.066 Diagramador colaborador: Douglas Rafael da Silva - Nakao - Para anunciar ou sugestões, ligue: Comercial Santa Cruz do Sul. Fone: 51 3715.7345


sábado, 13 de julho de 2013

3

ANIVERSÁRIO Os 70 anos de dona Élia O dia do nosso aniversário é um dia muito especial e deve ser comemorado. E, chegar aos 70 com a vivacidade e energia de 30, não é para qualquer um. O dia 6 de junho foi muito especial para dona Élia Hofmeister, data em que assoprou as setenta velinhas ao lado de muitos amigos e familiares. O salão de festas da Comunidade Evangélica Luterana de Santa Cruz ficou pequeno para tamanha alegria, recordações, dança e comida farta. A organização dos filhos Rosemari e Luiz Fernando, juntamente com a nora Ane Aguiar, fez a dona Élia se emocionar e dar ótimas risadas como só aquela família sabe dar. Pessoas que sabem valorizar a vida, os amigos e a família antes de qualquer coisa. Iotti

Quero deixar meus parabéns àquela senhora simpática e querida, que mostrou que esse é só o começo da vida. Concordam?

Fotos: Carol Lau

Sônia Luz, Iotti e Juan Masia

Tiago Haubold entre as irmãs Joneia e Alexandra Rutsatz

Marguit e Ivo Kist

Patrícia Louise e Márcio Bandeira

Gregori Frezza Palavre e Iotti

Rodrigo Jaeger


4

sábado, 13 DE julho de 2013

moda

Frio com charme sustentável Fonte: Web Magazine/www.webmagazine.art.br | Fotos: Luana Schwengber | Modelo: Doris Konrard | Produção: Alexandra e Joneia Rutsatz | Assistente de produção: Laiza Barcellos | Locação: Linha Ficht- Rio Pardinho

Alexandra Rutsatz*

A

onda do eco fashion já faz parte das

estilo mesmo.

ciência de que quanto mais usarmos peças que

marés. Os movimentos do mundo da

Já existem muitos tipos de materiais recicla-

moda estão cada vez mais voltados

dos, eco, orgânicos, sustentáveis, etc. Tecidos

para a arte sustentável, isto é, cole-

orgânicos como os dos vestidos, feitos à mão

Acompanhando o astral, nada como uma

ções cada vez mais comprometidas com o meio

por Alexandra Rutsatz, e as bolsas usando ma-

pitadinha de pimenta! A Chilli Beans apresenta

ambiente, que causam o mínimo de impacto na

terial reciclado como lonas e fios de bambu da

alguns looks de relógios e óculos para o frio.

natureza.

Armazém Essencial.

Fique atento às referências das marcas e iden-

Um conceito de moda não só de uma es-

Este estilo deve fazer parte mais e mais de

tação, mas algo que vai mais além, com uma

nosso guarda-roupas. Há muitas opções dentro

leitura mais ampla do modo de pensar e de

das coleções de designers. Busque algo que

se vestir. Algo que não passa, entende? Tipo,

encaixe com você. O importante é tomar cons-

agridam menos a natureza, melhor. Tanto para planeta quanto para a economia.

tificação nas etiquetas. Moda consciente, este é o caminho. Até a próxima, queridos leitores! *Editora e produtora de moda/Web Magazine/ w-magazine@yahoo.com.br


sábado, 13 de julho de 2013

5

FESTA DA ALEGRIA

Luan Santana, O Rappa, Naldo e Latino são os show nacionais da 29ª Oktoberfest Four Comunicação

Fotos: Divulgação

FEIRASUL Outra novidade anunciada na noite foi o novo layout da Feirasul, que vai destacar as potencialidades locais, regionais e estaduais dos setores de indústria, comércio e serviços. Ao todo, são 262 espaços internos, distribuídos em 5,2 mil metros quadrados de área, 20% a mais do que no ano anterior. Uma das novidades são os espaços disponíveis junto ao Pavilhão 2, que nos últimos dois anos foi utilizado para shows e bailes (Brahma Haus). Os pavilhões 3, 4 e 5 serão destinados ao comércio e serviços. Os valores variam de R$ 175,00 a R$ 325,00 o metro quadrado

luan santana

e o pagamento pode ser feito à vista, até o dia 31 de julho, ou parcelado em

A

latino

naldo

O Rappa

até quatro vezes (junho, julho, agosto e setembro).

maior festa alemã do Rio Grande do Sul já definiu

BANDAS

a sua programação de

A alegria e a animação da Festa

shows nacionais e a

da Alegria já estão garantidas. As 33

partir deste mês de julho inicia a

bandas que vão animar os bailes no

comercialização dos ingressos.

Pavilhão Central e Lonão já estão

As atrações nacionais, bem como

contratadas pela organização. São

as principais novidades da 29ª

elas: Ghermania, K’necos, Nova Ban-

Oktoberfest e Feirasul, que acon-

da Fest, Os Montanari, Callendula, Os

tecem de 2 a 13 de outubro, foram

Atuais, Munich, La Montanara, Santa

anunciadas durante o lançamento

Cruz, Happy Brass, Nowa, Musical

oficial, dia 20 de junho, na Bierhaus,

Encanto de Feliz, Jair de Castro e

no Parque da Oktoberfest.

Banda, Guarujá, Fandangaço, Fritz

O primeiro show nacional será

Quatro, Magia, Corpo e Alma, Scala,

com o cantor Naldo, na sexta-feira,

mente a festa em todos os dias do

em parceria pela Associação de

Os Serranos, Alto Astral, Passarela,

dia 4 outubro (com show de aber-

evento. “Como forma de valorizar

Entidades Empresariais de Santa

Attos, Danúbio Azul, Doce Desejo,

tura de Fat Duo), seguido por Luan

ainda mais a participação da comu-

Cruz Sul (Assemp) e Município de

Flor da Serra, Pôr do Sol, Cosmo

Santana, no domingo, 6, com show

nidade local e regional, a partir de

Santa Cruz do Sul. Entre as inova-

Express, Reprise, Eccos de Feliz,

de abertura de Rodrigo Ferrari; O

julho vamos iniciar a venda de per-

ções, destaque para Vila Histórica

Garotos dos Sonhos, Os Liderais e

Rappa, na sexta, dia 11; e Latino,

manentes e passaportes, a preços

Germânica, que está projetada para

Casablanca Show.

no domingo, dia 13. “São atrações

promocionais, com direito a acesso

ocupar uma área de 5 mil metros

condizentes com a grandiosidade

somente ao parque e também ao

quadrados, à direita do Pórtico do

PRÉ-OKTOBER

da nossa festa e que agradam aos

parque mais os shows. Esperamos,

Parque. No local, serão construídas

Para colocar a cidade no clima

mais diferentes públicos”, destacou

assim, facilitar o acesso, pois ainda

casas inspiradas em prédios que

da Festa da Alegria, a Coordena-

o presidente da Festa da Alegria,

teremos a opção de parcelamento

fazem parte da história de Santa

ção Executiva está apostando em

Léo Schwingel.

nestes meses que antecedem a

Cruz do Sul. “A ideia é instalar ali

eventos Pré-Oktober. O primeiro

Uma grande estrutura será mon-

festa”, frisou Schwingel. Neste mês,

as agroindústrias do município e

deles acontece dia 7 de setembro,

tada junto ao campo do Estádio

também inicia a venda do primeiro

permitir a comercialização dos mais

no Ginásio Poliesportivo do Parque

Municipal para abrigar todos os

lote de ingressos promocionais para

variados produtos coloniais”, enfati-

da Oktoberfest. Com realização da

shows da Oktoberfest, todos com

os shows.

za o vice-presidente de Eventos da

Produtora AM9 e apoio da Assemp,

a produção da Orange, de Porto

Além dos shows nacionais, du-

Assemp, Flávio Bender. A escolha

será promovido o show de gravação

Alegre. Os ingressos serão comer-

rante o lançamento também foram

do nome do local será realizada em

do DVD ao vivo da dupla Carlos &

cializados de forma independente,

divulgadas outras novidades da 29ª

votação junto à comunidade, pela

Jader, que se apresentou na Festa

ou seja, será possível acessar so-

Oktoberfest e Feirasul, organizadas

Internet.

da Alegria no ano passado.


6

sábado, 13 DE julho de 2013

#EUAMOEUCURTOSANTACRUZ

Cuca: só se for de Santa Cruz do Sul

A

Agência Nakao

Fotos: divulgação

s marcas dos imigrantes alemães estão presentes em diversos segmentos em San-

ta Cruz do Sul. Mesmo com a evolução do município e com o crescente acréscimo de culturas, os valores ainda são preservados e mantêm viva a história do município, que recebeu os primeiros alemães em 1847. Uma prova disso são os even-

tos em homenagem à colonização germânica realizados na cidade. Além da Oktoberfest, a famosa Festa da Alegria, outro festival voltado para a gastronomia também ganha destaque: é a Festa das Cucas, que em 2013 foi realizada no fim de semana passado. Nela, a estrela é um dos símb olos desta terra: a cuc a. A kuchen – bolo em alemão, conhecido como cuca no Brasil –, é o carro-chefe da culinária germânica que conhecemos na região dos Vales. Ela é feita à base de massa de pão doce, e é muito apreciada e consumida na

Pecuária e Abastecimento, para

fica podem levar até cinco anos.

Lajeado, Estrela e Teutônia. O fa-

de de cada um. Por isso, é encon-

região Sul do Brasil.

distinguir as cucas produzidas

A iniciativa é da Associação de

turamento mensal das empresas

trada em muitas versões. Tem de

Mas nenhum município bra-

em solo santa-cruzense seguindo

Padarias e Confeitarias dos Vales

gira em torno de R$ 1,3 milhão.

farofa, de banana, de queijo, de

sileiro tem tanta intimidade com

rigorosamente alguns padrões –

do Rio Pardo e Taquari (Rede

Diariamente, são vendidos cerca

maçã, de amora, de abacaxi, de

esta guloseima quanto Santa

semelhante ao que é feito com os

Ponto Pão), que nasceu em 2007,

de 15,2 mil pães do tipo francês

chocolate e até com linguiça. A

Cruz do Sul. Tanto que, quando

doces de Pelotas.

inicialmente com 13 empresas as-

(cacetinho) e 7,3 mil cucas.

técnica é de origem alemã e foi

se fala no doce, o nome da ci-

O projeto prevê a elaboraração

sociadas nos municípios de Santa

dade já vem junto. E a questão é

de um manual com detalhes para

Cruz do Sul, Vera Cruz, Sinimbu

levada a sério. Desde 2011 está

fabricação das cucas com selo de

e Boqueirão do Leão.

em pauta um projeto para criação

origem, a ser utilizado pelos es-

Desde novembro de 2011,

do selo de origem, com registro

tabelecimentos credenciados. Os

11 novas empresas do Vale do

que aceita diversas coberturas,

o doce peculiar à região. Que tal

no Ministério da Agricultura,

trâmites de identificação geográ-

Taquari aderiram ao grupo, em

que ficam a critério da criativida-

uma cuca de Santa Cruz?

trazida pelos colonizadores para SAIBA MAIS

o Brasil. Aqui, as primeiras cucas

A fama da cuca veio da sua

foram feitas aproveitando os in-

versatilidade, por ser uma massa

gredientes disponíveis, tornando

RECEITA - FLORESTA NEGRA

Massa

Ingredientes: 1kg de farinha de trigo especial 2 colher (sopa) de fermento biológico 1 ½ xícara de açúcar 1 colher de casca ralada de limão Noz-moscada ralada a gosto 100g de margarina 3 ovos 1 colherinha de sal 2 xícaras de leite

Modo de preparo

Misturar bem a farinha de trigo com o fermento. Depois acrescentar o restante dos ingrediente e bater com a mão até sentir que a massa está soltando da bacia.

Deixar crescer na bacia coberta com o plástico. Depois dividir em quatro formas de cuca e deixar crescer novamente.

Farofa para cuca

1 lata de leite 2 colheres (sopa) de farinha 4 colheres de chocolate em pó peneirado 1 colher de chá de margarina

Ingredientes: 3 colheres (sopa) de margarina 1 xícara de açúcar 1 xícara de farinha de trigo Canela em pó

Modo de preparo

Modo de preparo

Após a cuca ter dobrado de tamanho na forma, coloque a farofa nas laterais e o creme de chocolate no centro da cuca e leve ao forno pré aquecido a 180ºC por 20min. Para finalizar, coloque chocolate ralado e as cerejas sobre o creme de chocolate.

Aquecer a margarina e acrescentar o restante dos ingredientes, misturando bem. Mexer até formar bolinhas.

Cobertura

1 lata de leite condensado 3 gemas de ovo

Leve tudo ao fogo mexendo até o ponto mole.

Montagem da cuca


sábado, 13 de julho de 2013

Câmpus da Univates terá ciclovia e empréstimo de bicicletas Assessoria de Imprensa Univates

tran/RS) divulgou novos dados referentes à frota de veículos automotores no Estado. No Rio Grande do Sul há hoje cerca de 5,3 milhões de veículos, o que representa aumento de 58%, se comparado com o mesmo indicador de dez anos atrás. Resultado disso são constantes congestionamentos no trânsito e, principalmente, maior poluição da atmosfera. Entre as possíveis soluções para reverter tais problemas está a conscientização da população por meio do uso de transportes públicos. Entretanto, boa parte dos alunos prefere utilizar carro próprio para fazer o trajeto

TIRANDO O PÉ DO ACELERADOR... E COLOCANDO NO PEDAL Carlo César Guerini, 22 anos, aluno do 4º semestre de Arquitetura e Urbanismo, é um dos poucos adeptos da bicicleta como principal meio de transporte. Diariamente, para para ir até a universidade e ao escritório onde trabalha, ele usa a bicicleta, que também é sua companheira nos momentos de lazer. Com a bicicleta, Guerini consegue fazer seus trajetos cotidianos mais rapidamente. Além disso, também ganha em qualidade de vida, uma vez que o exercício proporcionado pelas pedaladas combate o sedentarismo, não emite nenhum tipo de poluição, gera pequeno custo de manutenção e traz diversos benefícios para a saúde. Sobre o projeto da criação de uma ciclovia na Univates, ele acredita ser uma excelente ideia, um grande avanço para a instituição levar esta proposta sustentável para a mobilidade urbana no câmpus. “Espero a conscientização dos alunos e da

necessidades e preferências. Ainda em 2013, a Univates planeja implantar uma inovação no câmpus de Lajeado: uma

Tuane Eggers

No final de 2012, o Departamento Estadual de Trânsito (De-

ciclovia e a disponibilização de bicicletas para a comunidade acadêmica. Segundo o gerente do Setor de Engenharia e Manutenção, Robledo Müller, a Univates é como uma pequena cidade: possui problemas de mobilidade urbana e deslocamento interno. Então, o projeto da ciclovia surgiu como uma das medidas para solucionar esses problemas de mobilidade Carlo César Guerini utiliza a bicicleta como principal meio de transporte comunidade, para que a bicicleta deixe de ser vista apenas como um brinquedo ou instrumento de lazer”, completa.

de ida e volta até a Instituição.

interna. No momento, está sendo traçado o percurso da ciclovia e estudo dos locais onde devem ser colocados pontos para estacionamento e aluguel de

Pensando nisso, a Univates

bicicletas. “O objetivo do proje-

criou, em 2009, o Projeto Caro-

bilitar melhor aproveitamento

reçam e busquem carona com

to é difundir novas aprendiza-

na, com o objetivo de reduzir im-

do espaço físico do câmpus. O

quem faz trajeto semelhante.

gens entre os alunos, criando

pactos ambientais gerados pelo

sistema pode ser acessado pelo

Alunos, professores e funcio-

uma consciência ecológica de

uso excessivo de combustíveis

site www.univates.br/carona e

nários da Univates podem filtrar

sustentabilidade e mobilidade”,

fósseis, e também para possi-

permite que as pessoas ofe-

ofertas de carona segundo suas

acrescenta o engenheiro.

7


8

sรกbado, 13 DE julho de 2013


sábado, 13 de julho de 2013

9

ARTIGO

Acessibilidade é um conceito mais amplo do que normalmente imaginamos Luís Eduardo Leitão*

H

oje gostaria de falar

Acessível: 1. De acesso fácil (coisa

tem que ser fornecida.

de um assunto que

ou pessoa). 2. Inteligível, compre-

Claro que os prédios exis-

vem sendo cada vez

ensível. É aí que quero chegar: o

tentes, que não são acessíveis,

mais citado, discutido

conceito é mais amplo e engloba

com o passar dos anos devem

e nem sempre é bem compreen-

prover também o acesso a informa-

ser atualizados e estão sendo, à

dido. Estou falando do conceito

ções, além do acesso aos prédios.

medida que passam por reformas

de acessibilidade. Mas de que

Sites, programas de TV e de-

e readequações de uso. Mas isso

maneira isso nos diz respeito? É

mais meios de informação deve-

deve ser uma constante e nós,

claro que já ouvimos muitas vezes

riam ter a opção para deficientes

cidadãos, devemos cobrar isso.

falar em acessibilidade, mas o que

visuais e auditivos. Isso aos pou-

Até porque não estamos livres de

é exatamente isso?

cos está ocorrendo por força de

termos uma dificuldade motora,

Em termos de projetos de ar-

uma série de legislações, como o

mesmo que passageira, como, por

quitetura e engenharia isso tem a

Decreto 5.294, de 2 de dezembro

exemplo, uma perna quebrada ou

ver principalmente com prover ou

de 2004. Elas obrigam que sejam

algum ferimento que nos obrigue a

facilitar o acesso a pessoas porta-

observados os critérios de aces-

usar muletas.

doras de alguma dificuldade moto-

sibilidade, para que todo cidadão

Quando falamos em acessibili-

pessoas com um problema físico

usado por todos, independente-

ra, visual ou auditiva aos prédios,

tenha os mesmos direitos de aces-

dade, lembramos somente de ca-

eventual (um membro engessado).

mente de idade, altura, peso, ter

bens e serviços públicos. Mas em

so às informações, bens e espaços

deirantes ou portadores de necessi-

Então, concluindo, o conceito é bem

alguma dificuldade motora, visual

uma rápida consulta ao dicionário

públicos. Então, para quem ainda

dades especiais, mas isso também

amplo e basicamente tem a ver com

ou de qualquer tipo.

o termo acessível significa algo

tem dúvidas, acessibilidade não é

tem a ver com facilitar o acesso aos

pensar no outro. Prover um design

mais. Segundo o dicionário Aurélio,

uma opção, é uma obrigação. Ela

equipamentos para idosos, para

universal, ou seja, que possa ser

*Engenheiro, membro da equipe Studio Duo Arquitetura e Engenharia


10

sábado, 13 DE julho de 2013

Pra esquentar! Wiliam Reis e Nairo Orlandi

tar a friaca. cê pra enfren vo ar ar ep pr aí: ida resolveu 93.3! Confere área e a Atlânt los ouvintes da pe as O inverno tá na ad vi en de dicas imos uma série Pra isso, reun

LIVRO

SOM DAQUI

Eduarda Pavanatto, 20 anos, acadêmica de

Projeto Don – Singular Projeto solo de rock acústico na voz de Cristiano Junkherr. Entre as influências

Jornalismo Já li diversos livros e posso dizer que vários desses muito bons. Mas, posso afirmar que nenhum

principais estão Engenheiros do Hawaii, Cidadão Quem e Esteban. O primeiro single, “Singular”, tem na letra como principal tema os relacionamentos.

deles me apaixonou tanto quando O Tempo e o Vento, de Érico Veríssimo. Não é apenas um livro, mas, sim, sete volumes. Desde o Continente já se torna impossível abandonar a leitura e, mais improvável

PROGRAMAÇÃO

GAME

ainda, não se apaixonar pelos personagens. Érico

Laura Nobre, 27 anos, relações públicas

Veríssimo é um dos principais escritores gaúchos e

A minha dica pra aproveitar o inverno é parar de

não é por nada que recebeu esse título. É uma parte

reclamar dele e aproveitar as coisas boas que ele

Borderlands 2 é um ótimo jogo pelo fato de juntar dois

da história do Rio Grande do Sul, em que Érico Ve-

pode trazer. Eu costumo reunir os amigos em casa,

bons estilos de games: o RPG e o de tiro em primeira pes-

ríssimo te faz viver cada momento do livro como se

ou até mesmo convido meu namorado para irmos a

soa. A história conta-

estivesse presente, junto com os habitantes de Santa

restaurantes que ofereçam um clima acolhedor, por-

da durante o jogo faz

Fé. Recomendo a todos os bairristas, que leiam uma

que no inverno, se temos que sair de casa, que seja

você se envolver cada

obra excelente como esta e que representa tão bem

pra um lugar que nos remeta ao aconchego do lar, e

vez mais com o mun-

a nós, gaúchos.

no domingo é dia de aproveitar a família e curtir o sol

do que o game cria,

depois do almoço. Não tem nada melhor.

fazendo ter a vontade

Fotos: divulgação

Bruno Franco, 22 anos, acadêmico de Ciência da Computação

de explorar todas as áreas do jogo, querer conhecer mais a história dos personagens envolvidos e tentar fazer todos os caminhos possíveis para chegar ao seu objetivo.

SÉRIES

Cristiano Rocha, 26 anos, publicitário Recomendo muito três das séries mais premiadas nos últimos tempos: Game of Thrones,

seriado mais hypado da HBO, cuja terceira temporada acabou de acabar; Dexter, que entrou na sua oitava e última temporada no domingo passado; e Homeland, uma série de drama que não enrola e te faz sentar na cama de tantas surpresas. É isso. Prepara a TV e o cobertor, arruma o travesseiro, pois bons episódios não vão faltar nesse inverno.

#Top 10

5. Daft Punk – Get lucky 6. O Rappa – Anjos

#Atlântida indica

1. Pink feat. Nate Ruess – Just give me a reason

7. Naldo feat. Fat Joe – Se joga

>> Wanessa – Shine it on

2. Macklemore feat. Ryan Lewis – Thrift shop

8. Rihanna – Stay

>> Miley Cyrus – We can’t stop

3. Charlie Brown Jr. – Meu novo mundo

9. Gabriel O Pensador – Tudo certo

>> Selena Gomez – Come and get it

4. Pitbull feat. Christina Aguilera – Feel this moment

10. Justin Timberlake – Mirrors

>> Will.I.Am feat. Justin Bieber - #thatpower


sábado, 13 de julho de 2013

11

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Programa Arise promove ações de combate ao trabalho infantil

O

Programa Arise (Alcançando a Redução do Trabalho Infantil pelo

Divulgação

Four Comunicação

COMUNIDADE

Suporte à Educação),

liderado pela JTI, Organização Internacional do Trabalho (OIT) e Winrock Internacional (WI), com apoio da Prefeitura e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Arroio do Tigre, desenvolveu no mês de junho uma série de atividades voltadas ao combate ao trabalho infantil no município. As ações, voltadas aos estudantes, pais e comunidade, tiveram como tema “A Infância é para Estudar e Brincar”.

Estudantes de Arroio do Tigre participaram de atividades recreativas

Em 12 de junho, data que marca o

Para marcar o tema junto à comunidade, o Programa Arise também participou de uma sessão na Câmara de Vereadores, com o lançamento da campanha “Diga não ao trabalho infantil”. De acordo com o diretor de Assuntos Corporativos e Comunicação da JTI, Flávio Goulart, a iniciativa tem cunho de conscientização. “Precisamos, cada vez mais, alertar os pais a respeito dos prejuízos à saúde de crianças e adolescentes em função do trabalho precoce, reforçando a importância da educação”, frisa Goulart. Para reforçar o monitoramento e proteção à criança e ao adolescente do município, o Programa Arise também repassou um automóvel ao Conselho Tutelar.

Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil,

Linha Coloninha foram beneficiadas

e outros brinquedos. As crianças

Cruz do Sul. O trabalho de conscienti-

em Arroio do Tigre. Eles assistiram a

mais de 240 crianças das escolas mu-

com atividades recreativas. A ocasião

também participaram de atividades

zação também foi extensivo aos 88 jo-

uma palestra sobre o trabalho infantil

nicipais das comunidades de Linha

contou com almoço, brincadeiras em

esportivas promovidas pelo Serviço

vens do Centro de Formação Técnica

e seus prejuízos à saúde das crianças

Taboãozinho, Sítio Alto, Sítio Baixo e

tobogã, pula-pula, mesa de basquete

Social da Indústria (Sesi-RS) de Santa

do Jovem Rural, mantido pelo Arise

e adolescentes.

O melhor lugar para desenvolver o seu espírito empreendedor: o mundo. A JTI é uma empresa global com mais de 25.000 colaboradores em 120 países. Nós acreditamos que ideias empreendedoras trazem mais que crescimento econômico: geram oportunidades de aprendizagem, desenvolvimento pessoal e aumentam o bem-estar de toda comunidade. Por isso, o empreendedorismo é um dos nossos mais importantes valores. Temos orgulho de conectar pessoas do mundo todo com ideias que podem fazer diferença em cada comunidade onde atuamos.

jti.com


12

sábado, 13 DE julho de 2013

mercado

Alimentos e bebidas impulsionam venda de veículos comerciais Agência Nakao

O

Fotos: divulgação

brasileiro pode mais. Com o aumento do poder aquisitivo, o crescimento social,

a redução da informalidade e a diversificação dos canais de distribuição, o potencial de compra do consumidor atingiu novos patamares, tornando-se o pilar de sustentação da economia do País. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o PIB brasileiro cresceu 0,9% em 2012, sendo que o consumo das famílias apresentou alta de 3,1% em relação a 2011. Em 2013, setores como o de alimentos e bebidas apresentaram aumento significativo no primeiro semestre – e seguem com boas perspectivas a partir do corte de tributos e incentivos do Governo Federal. Atrelado às necessidades de entregas mais rápidas e mais segmentadas, esse cenário vem trazendo na carona o aumento da demanda por veículos comerciais, em especial

Supermercados miller adquiriu dois caminhões na gaúcho diesel para ampliar sua capacidade logíStica sem terceirização

caminhões e utilitários. Na região dos Vales do Rio Pardo e Taquari, este reflexo positivo é sentido justamente a partir dos setores de alimentos e bebidas, que buscam cada vez mais ampliar sua capacidade de distribuição e entrega de mercadorias. O diretor da Gaúcho Diesel, concessionária Mercedes-Benz em Santa Cruz do Sul, Dirceu Weiand, diz que a ampliação da frota própria nestes setores se dá pela garantia de disponibilidade do veículo para a empresa. Ou

PERSPECTIVAS Se o momento é bom, a tendência é melhorar. Até 2020, o Brasil deve despontar como o quinto maior mercado de consumo, atrás dos EUA, China, Japão e Alemanha, segundo pesquisa da revista Exame. “O consumo no País passou por uma evolução nos últimos anos. Hoje, o brasileiro exige serviços e produtos mais complexos e de alta qualidade”, afirma Marcos Andrade, gerente de Planejamento de Produto da Mercedes-Benz Brasil . A Mercedes-Benz atua em todo o Brasil provendo soluções que atendem às mais diversas características de aplicação e segmentação. Por isso, acompanha constantemente os principais representantes do setor de bens de consumo e a atuação das marcas líderes para desenvolver produtos específicos que sejam adequados às suas necessidades. Um dos fatores levados em conta trata das recentes adequações na carga horária dos caminhoneiros. Isso, aliado à necessidade de entrega rápida das mercadorias e às limitações na circulação nas grandes cidades, leva ao desenvolvimento de veículos cada vez mais versáteis e ágeis para atender este mercado.

seja, com uma demanda maior,

mercedes-benz apresenta veículos adequados aos segmentos

mercados e distribuidores preciEXEMPLOS

e uma unidade especializada em

na Gaúcho Diesel, modelos Atron

vários veículos desenvolvidos

Nos últimos meses, várias

pães e doces, ambas no Centro.

e Accelo, para movimentação de

tanto para entrega urbana, com

empresas destes setores pro-

Até 2014 a previsão é abrir mais

mercadorias entre o centro de

compra de caminhões e utilitários.

os modelos Sprinter e caminhões

curaram a concessionária para

duas unidades, no Bairro Arroio

distribuição e as unidades da rede.

Ganham os consumidores,

leves da linha Accelo 815 e 1016,

ampliar sua frota própria, reafir-

Grande, outra ponta da cidade.

Outros exemplo são empresas

com serviços mais eficientes, e

quanto os médios e semipesados

mando o bom momento. Caso dos

E, se a empresa passa por larga

como a Superforti Alimentos e Re-

também as concessionárias que

das famílias Atron e Atego, até os

Supermercados Miller. Atualmen-

expansão, a capacidade logística

frigerantes Xuk, que recentemente

conseguem apresentar produtos

extrapesados das linhas Axor e

te são quatro lojas da rede em

segue a mesma lógica.

também buscaram nos veículos da

que supram a necessidade destes

Actros para grandes distâncias”,

Santa Cruz do Sul, duas localiza-

Em fevereiro, o Miller adquiriu

segmentos. “A Gaúcho Diesel

detalha Weiand.

das na Zona Norte, além da filial

dois caminhões Mercedes-Benz

sam ter a certeza de que vão con-

está presente nestes clientes com

seguir entregar as mercadorias e, por isso, têm investido forte na

marca a solução apara atender ao aumento de demanda.


sábado, 13 de julho de 2013

13

ORTODONTIA

Aparelhos autoligados estéticos: você aparece, seu aparelho não Fabrício Barbosa de Lacerda*

O

divulgação

aparelho autoligado estético

por não haver a necessidade da troca de

tem sido apresentado como

ligaduras elásticas, que vão perdendo

um diferencial para o ortodon-

elasticidade e pigmentam com o passar

tista que procura oferecer um

dos dias.

tratamento ortodôntico mais rápido, dis-

Outra vantagem é a menor sensi-

creto e com menor número de consultas.

bilidade dolorosa e maior conforto du-

Com um design mais estético, sig-

rante o tratamento ortodôntico, devido

nificativamente menor, apresenta uma

à força ser melhor distribuída, e por

redução no acúmulo de placa bacteriana

haver menor atrito que os aparelhos

e resíduos alimentares, devido à ausência

convencionais. Ideal para quem quer

das borrachinhas, e proporciona um maior

se beneficiar das vantagens do siste-

conforto ao paciente, por não precisar de

ma autoligável com mais discrição e

amarrilhos metálicos.

elegância.

Esse aparelho tem um diferencial na

Os aparelhos autoligados esté-

fase inicial do tratamento: os dentes ficam

ticos trazem grandes benefícios ao

alinhados em um menor tempo do que

tratamento ortodôntico, desde que utili-

com aparelhos convencionais. Além disso,

zados corretamente. Converse com um

possibilita a redução no número de visitas

especialista em Ortodontia e esclareça

ao dentista, podendo aumentar o espaço

suas dúvidas em relação ao seu caso.

entre uma manutenção e outra – de qua-

* Cirurgião-dentista, especialista em aparelhos dentários,

tro para até dez semanas. Isso acontece

Especializada/CRO-RS 16912

membro da equipe Sorriso e Saúde de Odontologia

DIScrição é uma das características do aparelho autoligado estético

LAÉRCIO DIAS CRO 11924

RUA CRISTÓVÃO COLOMBO, 234, SANTA CRUZ DO SUL | (51) 3711.6595 | WWW.CLINICASORRISOESAUDE.COM.BR


14

sábado, 13 DE julho de 2013

CLÍNICA PARIZOTTO

Problema de sensibilidade e suas soluções Otimiza Comunicação

N

os meses de inverno, são comuns as queixas de sensibilidade nos dentes. Entre as causas

está o próprio frio, pois a boca tem temperatura igual à do corpo, entre 36ºC e 37ºC, e o ar externo fica bem mais gelado. Mas isso só afeta quem já tem a dentina exposta (parte do dente que recobre o nervo). Na maioria dos casos, a dor ocorre quando o

divulgação

CLÍNICA PARIZOTTO Em Santa Cruz do Sul, a Parizotto Clínica Integrada de Odontologia, localizada na Rua Assis Brasil, 93, possui uma equipe multidisciplinar de odontólogos especialistas, capazes de solucionar todos os tipos de problemas odontológicos. Entre as especialidades estão: implantodontia, próteses, cirurgias corretivas, dentística restauradora, periodontia, odontopediatria, ortodontia, endodontia, estética, clareamento dental e ronco e apneia.

esmalte (camada protetora) é corroído ou quando a gengiva sofre retração.

expor a dentina e desencadear dor.

O dentista Egídio Parizotto, diretor

A boa notícia é que existe cura

técnico da Clínica Parizotto, explica

para a sensibilidade. Após investigar

que a dentina é conectada por meio

as causas, o dentista faz o tratamen-

de tubos microscópicos ao nervo

to adequado, indica o creme dental

central do dente (polpa) e, quando

apropriado e orienta sobre atitudes

desprotegida, pode reagir com dor

preventivas. Porém, se for ignorado,

intensa a estímulos como frio, calor,

o problema pode trazer complicações

doce e ácido. Desgaste dos dentes

graves. A hipersensibilidade dificulta a

por má oclusão, hábito de ranger

higienização dental, o que pode levar

os dentes ou morder objetos duros

a cáries, inflamações na gengiva e à

também podem danificar o esmalte,

perda dos dentes.

Sensação desagradável pode surgir com frio, calor, doce ou ácido

TRATAMENTO E PREVENÇÃO Como alternativas de tratamento, há a fluorterapia, com aplicação de flúor concentrado, para fortalecer e remineralizar os dentes; restauração, quando é colocada uma barreira de resina (ou outro material estético) no local exposto; laserterapia, com laser de alta potência, que veda os canalícu-

los expostos; e recobrimento gengival, cirurgia que realoca a gengiva em seu lugar de origem. Para prevenir os problemas de sensibilidade, Parizotto recomenda a escovação com movimentos suaves e cerdas macias, uma vez que a escovação traumática causa abrasão den-

tária e retração da gengiva. Quanto à alimentação, sugere que, ao consumir alimentos ácidos, se espere 30 minutos até a escovação, pois o ácido deixa os dentes mais suscetíveis aos desgastes. Por último, aconselha a escolha de enxaguantes bucais sem álcool, pois a substância irrita a dentina.


sábado, 13 de julho de 2013

15

CENTRO DE ONCOLOGIA INTEGRADO

Hospital Ana Nery lança a campanha Pela Vida

C

om investimentos e renovações constantes, o Centro de Oncologia

Divulgação

Assessoria HAN

Integrado (COI) do Hos-

pital Ana Nery tornou-se referência no tratamento de excelência contra o câncer nas regiões do Vale do Rio Pardo e Centro-Serra. Desde o começo de seus trabalhos, ele contou com apoio de toda comunidade e desta parceria muito já foi feito na instituição. A construção do Centro de Radioterapia, inaugurado em 2007, é um exemplo desta mobilização social. E com o objetivo de continuar crescendo e qualificando o atendimento prestado, o hospital lança uma nova campanha. Em junho, em parceria com a Liga Feminina de Combate ao Câncer de Santa Cruz e com o Open Extreme Brasil – Centro de Arte e Excelência em Dança, foi lançada a campanha Pela Vida. Trata-se de um conjunto de ações culturais, sociais e esportivas que visam a angariar recursos em

recursos captados com a venda dos produtos Pela Vida serão investidos na construção do COI – Ambulatório

prol da construção do ambulatório do Centro de Oncologia. Além disto,

entre autoridades políticas, empre-

e com o apoio de todos conseguimos

culturais e esportivas serão realiza-

forma gratuita. Para o mês de agosto

produtos com a marca da campanha

sariais, veículos de comunicação e

crescer”, declarou.

estão sendo comercializados – além

apoiadores. O evento contou com

de arrecadar recursos, auxiliam na divulgação da marca Pela Vida.

das, tendo como propósito a busca

está previsto um espetáculo musical

ambulatório

de recursos para a efetividade do

em parceria com o Open Extreme

o desfile dos produtos que levam a

Através do recurso angariado

projeto e a consolidação da iniciativa

Brasil, que irá trazer bailarinos esta-

marca Pela Vida e o show de Ernesto

com a venda de produtos com a mar-

em toda a região.

duais, artistas de renome nacional e

Fagundes e Banda.

ca Pela Vida, como bolsas, camise-

A coordenadora de captação de

também alguns integrantes do elenco

nova iniciativa, o hospital ofereceu

Segundo o diretor executivo do

tas, jaquetas, guarda-chuvas e bolas,

recursos do Hospital, Vanessa Müller,

do Programa do Faustão”, comentou.

um café da manhã para a imprensa

Ana Nery, Lídio Rauber, tudo que é

será construído o COI – Ambulatório.

antecipou algumas das atividades

A comercialização dos

no dia 20 de junho e, durante a noite,

feito dentro da instituição é pensando

O local contará com consultórios

que já estão previstas para a campa-

itens Pela Vida está sendo promovi-

em parceria com a Liga Feminina de

no bem estar de toda a comunidade.

médicos para consultas clínicas e ci-

nha. “O Pela Vida está sendo traba-

da no setor de captação de recursos

Combate ao Câncer de Santa Cruz,

“Nossa história foi e é construída com

rúrgicas ligadas a oncologia, ações de

lhado com muito amor e carinho para

do Ana Nery, em ações externas e

promoveu um jantar beneficente no

apoio da comunidade. Para que a

prevenção do câncer, auditório e um

toda a comunidade. Contamos com o

internas, além da venda através das

Hotel Águas Claras Higienópolis. A

entidade fosse mantida viva ao longo

novo espaço para a Liga Feminina de

apoio de diversos setores, a exemplo

redes sociais do hospital. Mais infor-

proposta da campanha foi apresen-

de todos esses anos, tivemos que nos

Combate ao Câncer de Santa Cruz.

do Pedrinho do Cavaco, que está

mações podem ser obtidas pelo fone

tada para cerca de 270 pessoas,

adaptar à realidade da nossa região

Aliadas a isso, atividades sociais,

gravando o jingle da campanha de

(51) 2106.4409.

Para marcar o lançamento da


16

sรกbado, 13 DE julho de 2013

Revista Valley Julho  

Circula neste sábado, 13, a Revista Valley, encartada em Zero Hora na tiragem dos Vales do Rio Pardo e Taquari. A edição de julho traz desta...

Advertisement