Revista Valley - Agosto

Page 1

sรกbado, 10 de AGOSTo de 2013


2

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

fotos: carol lau

SOCIAL

Fotos: Carol Lau

por Carol Lau

anacarol.lau@gmail.com

Confraria CTRL+A

Claudino Simon, Maurício Saraiva, Ilmor Viana e Olistar Porto

No último dia 30 de julho ocorreu a Confraria Ctrl+A de número 25. A Giroflex recebeu o evento, que teve como convidado especialíssimo Maurício Saraiva. Ele foi muito simpático e disputadíssimo para posar para fotos e conversar sobre futebol e outros assuntos com os demais convidados. Ao som de Killy Freitas, a edição do mês de julho contou com mais de 120 pessoas, que garantem o sucesso de cada edição. Confira como foi.

Gabriel Bulsing e Maurício Moraes

Michele Amador e Michele Henn Waechter

Lili Pokorny, Sonia Dettenborn Luz e Juan Masia Mirna Diehl, Izadora Silveira, Michele Henn Waechter, Berenice Schramm, Vanessa Müller, Inga Boettcher e Elizabeeth Rios Kirst

Claudino Simon Maurício Saraiva e Ido Dupont

Aninha Hermes, Anelize Winter, Alessandra Schmitt Macedo, Roberto Macedo e Carlos Poll

Vilson Jorge Fengler e Margit Lisane Gressler

Mirna Diehl e Berenice Schramm

Maurício Saraiva em meio à equipe da Giroflex

Jonas Felipe Machado, Elenice Freitas, Zulma Donato, Lili Pokorny e Nivaldo Feliciano

EXPEDIENTE Informe Comercial - Revista Valley

Este caderno circula encartado em Zero Hora na tiragem regional dos Vales do Rio Pardo e Taquari - Editor colaborador: Jansle Appel Junior MTB 15.066 Diagramador colaborador: Douglas Rafael da Silva - Nakao - Para anunciar ou sugestões, ligue: Comercial Santa Cruz do Sul. Fone: 51 3715.7345


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

ENSAIOS NEWBORN Os bebês são os bens mais preciosos na vida de uma mãe e um pai. Nos primeiros meses, eles mudam muito depressa, em pouco tempo. Registrar esse momento tão especial na vida de uma família, de forma diferenciada, requer muito cuidado e delicadeza. Sinto-me lisonjeada ao fazer parte deste momento tão especial, em que os pais me confiam seus “tesouros” em seus primeiros dias de vida, para eternizar um momento único, que não vai se repetir. Priorizando a segurança, higiene e respeitando o tempo de cada bebê, o resultado é um show de belas expressões e poses que só eles são capazes de fazer. Confira alguns ensaios do último mês:

Aos 14 dias de vida, a pequena Manu trocou a tranquilidade do carrinho por uma tarde de fotos. A filha do casal Aldo Azambuja e Cristiane

fotos: carol lau

Manuella Goettems foi uma doçura e uma modelo linda. O mano Pedro também participou do ensaio, demonstrando todo seu carinho pela nova integrante da família. Tem como não babar?

Maithê Alguém sabe diferenciar se é um bebê ou uma boneca? A Maithê já nasceu fazendo caras e bocas para encantar a quem quer que a veja. A terceira filha do casal Carine e Carlos Eduardo Genehr fez poses e expressões, parecendo uma modelo profissional. Dá até vontade de morder, não dá?

Otávio Uma nova sessão de fotos, agora com o Otávio fora da barriga. O filhinho da Giovana Antoniazzi e do Harvey Arend Filho é muito simpático, risonho e já tem uma personalidade forte desde pequeno. Mas, pelo jeito, adorou a sessão de fotos, dormindo tranquilo praticamente o tempo todo. Desafio olharem essas fotos sem dizer ou pensar um “óóóóó”. Essa é o tigrinho mais lindo que já vi, sem dúvidas.

Viviane + Audrei = Marina Em uma breve passagem por Santa Cruz, a designer de interiores Viviane e o jogador de basquete Audrei Parisotto vieram de Uberlândia para comemorar com a família e ainda registrar o momento tão especial pelo qual estão passando. São Pedro bem que tentou atrapalhar o ensaio, mas foi só mais um fator para dar um resultado todo especial da espera pela Marina. Confira as fotos!

3


4

sรกbado, 10 DE AGOSTo de 2013


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

5

ARTIGO

A

ssunto difícil, pois ainda

uma sociedade mais civilizada,

das boates, que passaram por

deve ser dolorido para

respeitando as regras e normas e

reformas logo após do incêndio da

muitos se lembrarem

principalmente o outro.

Kiss, têm sistemas muito bons, com

Luís Eduardo Leitão

divulgação

Os seis meses do incêndio na Boate Kiss dele, mas não queria

Comecei a falar sobre esse

número de extintores maior que o

deixar de tratar disto neste artigo,

assunto porque fui convidado por

mínimo, portas de emergência com

já que tantas vidas foram tomadas

uma jornalista da Zero Hora a visi-

sistema de abertura com barras

pelo trágico evento de 27 de janeiro.

tar algumas boates em Santa Cruz

antipânico e muitos pontos de ilu-

Seis meses se passaram desde lá

do Sul, para ajudar a identificar

minação de emergência. Deu gosto

e acredito que muita coisa mudou

as medidas e equipamentos de

de ver que outras casas também

neste País neste curto período de

prevenção e combate a incêndio

tiveram esses mesmos sistemas

tempo. Não creio que haja um para-

que elas possuíam, justamente

revistos. Claro, houve uma grande

lelo tão direto, mas penso às vezes

pelos seis meses do acontecido.

mobilização e fiscalizações inten-

se esses episódios traumáticos não

Para quem não sabe, todo empre-

sas que obrigaram essas casas a

pra ser relapso com a segurança

– e aí que ainda devemos verificar

servem pra nos dar uma sacudida e

endimento comercial é obrigado a

ter que se adequarem pelo menos

das pessoas. Extintores em número

se essas casas estão adequadas

começar a pensar um pouco mais

possuir um documento chamado

ao mínimo que as normas técnicas

suficiente e visíveis, iluminação de

–, é o treinamento de pessoal

no outro e olhar com mais cuidado

Plano de Prevenção e Combate a

e os bombeiros exigem.

emergência, placas de indicação de

para um rápido combate inicial ao

o que acontece a nossa volta.

Incêndio (PPCI), que deve ser apro-

Nesta reportagem de ZH que ci-

saída grandes e iluminadas, portas

fogo e para também auxiliar nas

sprinklers estão entre os itens de segurança necessários

Parece que desde lá a cidada-

vado no Corpo de Bombeiros, órgão

tei, as casas em Santa Cruz, apesar

abrindo para fora e de preferência

saídas, direcionando o público

nia está finalmente brotando nas

responsável pela sua análise e

de pequenas inadequações, foram

com barras antipânico e, em caso

de modo seguro e rápido. Pelo

pessoas e tomamos um choque

vistoria. E nele constam as medidas

consideradas seguras. Outras no

de casas maiores, hidrantes (man-

menos essa tragédia serviu para

cultural, levando as questões po-

e equipamentos que devem possuir

Rio Grande do Sul também, com al-

gueiras de incêndio) e sprinklers

que acordássemos para a neces-

líticas, administrativas e também

em função da área, do tipo de ocu-

gumas restrições, mas quase todas

(chuveiros automáticos) são os

sidade e suprema importância da

as técnicas mais a sério. Espero

pação do local e algumas das suas

de caráter moderado. Mostra que

equipamentos que normalmente

preocupação com a segurança,

que seja um movimento constante

características construtivas.

os empresários se alertaram para

devem estar presentes.

antes de qualquer preocupação

e definitivo, para que tenhamos

E foi interessante ver que duas

a importância disso. Não dá mais

Mas, muito importante também

com o lucro.

*Engenheiro civil


6

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

ESPETÁCULO

Campanha em prol do HAN promove musical inédito na região

O

Hospital Ana Nery

auditório e um novo espaço para

se destaca no inte-

a Liga Feminina de Combate ao

rior do Rio Grande

Câncer do município. No dia 13

do Sul c omo uma

deste mês, a parceria irá promo-

Unidade de Assistência de Alta

ver o Musical Pela Vida, espetá-

Complexidade em Onc ologia

culo inédito na região que contará

(UNACON), muito disto graças à

com artistas de renome nacional.

sólida parceria formada com os

Outra forma de colaborar com a

profissionais médicos. O Centro

campanha Pela Vida é adquirir

de Oncologia Integrado (COI)

produtos com a marca da ação

trouxe a proposta de integralidade

como bolsas, camisetas, jaque-

no tratamento do câncer para as

tas, guarda-chuvas e bolas.

regiões do Vale do Rio Pardo e

Segundo o diretor executivo

Centro Serra. Desde o começo

do Ana Nery, Lídio Rauber, tudo

de seus trabalhos, ele contou com

que é feito dentro da instituição é

apoio de toda comunidade. Desta

pensando no bem-estar de toda

parceria, muitos frutos já foram

a comunidade. “Nossa história

colhidos, entre eles esta a cons-

foi e é construída com apoio da

trução do Centro de Radioterapia,

comunidade. Para que a entidade

inaugurado em 2007. Para conti-

fosse mantida viva ao longo de

nuar crescendo e qualificando o

todos esses anos, tivemos que

atendimento prestado, o Hospital

nos adaptar à realidade da nossa

lançou em junho a campanha

região e com o apoio de todos

Juntos Pela Vida.

conseguimos crescer”, declarou.

Cléviston Pierobom

Assessoria HAN

Registro da apresentação do espetáculo Mais ou menos... Amor

Em parceria com a Liga Fe-

A comercialização dos

minina de Combate ao Câncer

itens Pela Vida está sendo pro-

de Santa Cruz do Sul e com o

movida no setor de captação de

O Musical Pela Vida unirá, no

O Musical Pela Vida irá apre-

Ana Nery, Liga Feminina de Com-

Open Extreme Brasil - Centro

recursos do Hospital, na Liga Fe-

palco do Teatro Mauá, no dia 13 de

sentar na cidade um espetáculo

bate ao Câncer de Santa Cruz do

de Arte e Excelência em Dança,

minina de Combate ao Câncer de

agosto, artistas de diversas partes

com a presença de oito músicos, 26

Sul, Open Extreme Brasil – Centro

a nova campanha irá promover

Santa Cruz e na loja Casarão Ver-

do País em um espetáculo inédito

bailarinos vindos de todo o Brasil,

de Arte e Excelência em Dança e

atividades sociais, culturais e

de, também em Santa Cruz. Além

na região. Músicos e bailarinos

bailarinas do programa Domingão

Lojas Tevah de Santa Cruz ao valor

esportivas, tendo como propó-

disto, a comunidade encontra os

representarão o dia a dia de uma

Faustão – Tainá Grando, Ana

de R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (es-

sito a busca de recursos para a

produtos em eventos que contam

jovem médica que vê sua rotina

Flávia Simões, Daniele De Lova,

tudantes), sendo 40% destinados

construção do COI – Ambulatório.

com a participação do Hospital,

se transformar ao conhecer um

Fernanda D’Avila, Ju Valcézia e

para quem utiliza meia-entrada. O

O local contará com consultórios

ou pode solicitá-los através das

paciente oncológico que, com muita

Raquel Gilioli –, além de artistas

Musical Pela Vida é uma realização

médicos para consultas clínicas

redes sociais do Ana Nery. Mais

alegria e positividade, torna-se um

com renome nacional. Apresentado

do Hospital Ana Nery e tem o patro-

e cirúrgicas ligadas a oncologia,

informações podem ser obtidas

exemplo de esperança e supera-

em duas sessões na noite do dia

cínio do Hotel Charrua e apoio da

ações de prevenção do câncer,

pelo fone (51) 2106.4409.

ção para todos que convivem no

13, às 19h e às 21h, os ingressos

CVC e Colégio Mauá.

PELA VIDA

ambiente hospitalar.

podem ser adquiridos no Hospital


EQUIPE VENÂNCIO Icaro Pergher Machado

EQUIPE SOBRADINHO

Q.I

Wiliam Reis e Nairo Orlandi

Já foi dado o start para o

(1º ano)

Eduardo Morsch

Gustavo Luiz Heck

(1º ano)

(2º ano)

Pablo Fortes Cardoso da Silveira

Arthur Lenz

(2º ano)

(3 º ano)

Uilian Pavanatto Rodrigues

Pamella Tucunduva da Silva

(3º ano)

(Professora)

fotos: divulgação/atLÂntida

sábado, 10 de AGOSTo de 2013

Mariléia Ferraz Ceretta

game da Atlântida que está testando os conhecimentos

(Professora)

dos estudantes de Ensino Médio da Região dos Vales.

EQUIPE RIO PARDO

As três primeiras equipes que irão participar da grande

Gabriela Nunes Lemes (1º ano)

final, em 12 de setembro, já foram selecionados nas

Emely Nunes Vicente (2º ano)

etapas de Venâncio Aires, Rio Pardo e Sobradinho.

Bárbara Koheler Rodrigues (3º ano)

Confira:

Aline Silveira Silva (Professor)

JOGO DO Q.I!

Agora toda a emoção das perguntas das etapas do Q.I pode ser vivenciada através do Jogo do Q.I! Basta acessar facebook. com/atl933 para curtir o game. Atualm ente, você pode jogar

as rodadas de perguntas sobre História do Rock e Copa das Confederações, sendo que periodicamente são acrescentadas novas rodadas. Até o momento, apenas dois participantes acertaram todas

Fique por dentro das próxim as etapas do Q.I! SANTA CRUZ DO SUL Data: 15 de agosto Local: Auditório Central da Unisc Banda: Comunidade Nin-Jitsu Escolas participantes: Ernesto Alve

Cruz, Goiás, Rosário e Educar-se

s, Santa

CACHOEIRA DO SUL Data: 29 de agosto GRANDE FINAL: L o c a l: A u d i t ó r i o C e n t r a l da Unisc Data: 12 de setembro

as questões. Um deles é o Afonso Goulart. “O jogo é legal pra desafiar os amigos e pra dar aquela zoada quando você faz mais ou menos pontos. Nesses etapas pra mim foi fácil,

eu sabia bastante dos assuntos e também contei um pouco com a sorte”, revela. O outro participante que acertou todas até agora foi o Eliéser Mendes. “O quiz é interessante e organizado. As primeiras

perguntas sobre rock e Copa das Confederações foram bem selecionadas, com vários níveis de dificuldade. Uma ótima forma de testar os conhecimentos e desafiar os amigos.”

TESTE SEUS CONHECIMENTOS! Categoria: HISTÓRIA DO ROCK 1. Em que álbum do Metallica há um cemitério na capa? a) Ride the Lightning b) St. Anger c) Metallica d) Master of Puppets

2. Qual banda Dave Grohl formou após a morte de Kurt Cobain, em 1994? a) Dave Grohl Project b) Nirvana c) Kung Fu Fighter’s d) Foo Fighters

Categoria: COPA DAS CONFEDERAÇÕES: 3. Em 1997, o time campeão da Copa das Confederações foi o Brasil. Quem foi o artilheiro da copa? a) Ronaldo b) Vladimir c) Cafú d) Romário e) Dunga 4. Que país ficou em terceiro lugar na Copa das Confederações de 2009? a) Brasil b) EUA c) Espanha d África do Sul e) Argentina

5. Quantos vezes o Brasil foi campeão pela Copa das Confederações? a) 2 b) 3 c) 4 d) 5 e) 6 Categoria: CONHECIMENTOS GERAIS 6. Qual foi a capital do Japão antes de Tóquio? a) Quioto b) Fukuoka c) Osaka d) Sendai Respostas: 1D, 2D, 3D, 4C, 5C, 6A,

#Top 10

5. Lykke Li – I follow rivers 6. Swedish House Mafia – Don’t you worry child

#Atlântida indica

1. Robin Thicke feat. TI & Pharell – Blurred Lines

7. Claus e Vanessa - Você aqui

2. Daft Punk – Get lucky

8. Seu Jorge – Deixa isso pra lá

>> Avicci – Wake me up

3. Charlie Brown Jr. – Meu novo mundo

9. Pollo – Vagalumes

4. David Guetta feat. Ne-Yo and Akon – Play Hard

10. Macklemore - Thrift shop

>> Justin Timberlake – Tunnel Vision >> One Direction – Best song ever

7


8

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

#EUAMOEUCURTOSANTACRUZ

S

anta Cruz do Sul não

da Província para atrair o comércio

mede esforços para

daquela região.

manter sempre vivas as

Aberta a estrada, o governo

suas raízes. Seja com

da Província concedeu, em 1847,

a realização de festas e eventos

sesmarias a João Faria da Rosa

que exaltem as heranças culturais

e outros. Foram demarcados os

deixadas pelos imigrantes ou com

primeiros lotes na Picada Velha ou

homenagens aos homens e mulhe-

Linha Santa Cruz (antigo rincão de

res que ajudaram a construir esta

Santo Antônio), destinados a imi-

terra com muito suor – a exemplo

grantes alemães. A medição das

do feriado do Colono, comemorado

terras foi trabalho do engenheiro

junto com o Dia do Motorista, em

Francisco Augusto de Vasconcelos

25 de julho. Mas você sabe como

Almeida Pereira Cabral, auxiliado

tudo começou? O município urba-

por João Guilherme Werlang.

nizado, cheio de opções, já foi só

Em 19 de dezembro de 1849 ini-

um pequeno vilarejo. Saiba mais

ciou-se o povoamento da colônia,

nesta edição da série #EuamoEu-

sendo distribuídos lotes a Augusto

curtoSantaCruz.

Wutke, Frederico Tietze, Augusto

Agência Nakao

fotos: acervo ibge

A Santa Cruz do Sul lá do início

O município de Santa Cruz do

Mandler, Gottlieb Pohl, Augusto

Sul firmou suas origens na antiga

Raffler e Augusto Anold, prove-

colônia de Santa Cruz, criada a

nientes da Silésia e do Rheno. Es-

partir de 1847 no município de Rio

tes já encontraram, no Faxinal de

Pardo, Distrito de Serra do Botu-

João Faria, além deste, Gregório

chegaram novos imigrantes euro-

feijão, batata e outros produtos da

volvimento, o governo provincial

caraí, entre a margem esquerda

Silveira, José Rodrigues de Almei-

peus. A estes servia como intér-

terra. A cultura do fumo, iniciada

tratou de escolher o local para a

do Rio Pardo e o arrolo Taquari-

da e Agostinho Antônio de Barros.

prete João Beckenkamp, função

com sementes cubanas e ainda

futura povoação, e promulgou a

-Mirim. Sua fundação resultou do

Em casa de João Faria Rosa eram

mais tarde desempenhada por

incipiente, já então prenunciava o

lei de 25 de novembro de 1852,

propósito da Câmara Municipal de

acolhidos e abrigados os colonos

Frederico Bruck. Os primeiros ha-

desenvolvimento atual.

desapropriando parte da antiga

Rio Pardo, então próspero centro

recém-chegados, enquanto não

bitantes, instalados em choupanas

Santa Cruz tornou-se uma

propriedade de João Faria Rosa,

de comércio, de estabelecer co-

ocupavam os seus lotes.

ou ranchos cobertos de palha de

das colônias mais prósperas do

então pertencente ao Comendador

jerivá, cultivavam mandioca, milho,

Sul do País. Face a esse desen-

Antônio Martins da Cruz Jobim.

municação com a zona serrana

Nos dois anos subsequentes

vista geral de santa cruz do sul em 1954

O MUNICÍPIO O município foi oficialmente fundada em 31 de março de 1877, emancipado de Rio Pardo pela lei nº 1079. No dia 28 de setembro de 1878, instalou-se a Câmara Municipal na casa situada na esquina das ruas São Pedro e Taquarembó (atuais Marechal Floriano e 28 de Setembro). A sessão de posse foi presidida pelo vereador Joaquim José de Brito (tenente-coronel Brito), mas na primeira ordinária, dia 15 de outubro, a presidência já foi exercida por Carlos Trein Filho. O novo município contava então com 10 mil habitantes. Hoje, às vésperas de completar 135 anos, a pujante Santa Cruz do Sul é um dos maiores municípios do Estado, reconhecido como polo em diversas áreas, oferecendo muitas opções a seus quase 120 mil habitantes. Fonte: Biblioteca IBGE

Como eles “curtiam” a cidade Após o término da Primeira Guerra

mesmo, à montagem de pequenas

Mundial, Santa Cruz ingressou em um

operetas. Também a programação

período econômico de grande desenvol-

cinematográfica era variada, contando

vimento, repercutindo essa situação em

com dois locais de projeção, sendo eles

uma intensa vida social e cultural. Nas

o Cine Teatro União, inaugurado em 2

décadas de 20 e 30, os grupos esporti-

de fevereiro de 1919, e o Cine Teatro Gi-

vos, teatrais e carnavalescos atingiram

nástica, inaugurado em janeiro de 1925,

seu apogeu, sendo, em sua maioria,

ambos instalados junto às respectivas

filiados aos já tradicionais Clube União,

sociedades.

Sociedade Ginástica e Aliança Católica. Grupos teatrais independentes também se formaram, chegando, até

Fonte: Livro Santa Cruz do Sul – Urbanização e Desenvolvimento, Ronaldo Wink

catedral são joão batista em registro da década de 50


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

Descobertas e contato com belezas naturais “Quem nunca abraçou uma

bióloga Cátia Viviane Gonçalves.

árvore ou conversou com uma flor

Além de identificar as espécies ar-

nunca foi digno das dádivas da

bóreas e arborescentes nas áreas

natureza! Não sejam insensíveis!

comuns do câmpus, a pesquisa

Aprendam a amar quem tanto lhes

também objetivou promover a inte-

dá!”. O trecho do livro “O futuro da

ração e o contato dos estudantes e

humanidade” chama atenção para

visitantes com o ambiente natural.

a importância de nos conectarmos

Durante o trabalho, foram

com a natureza.

Fotos: Ana Paula Vieira Labres

Assessoria de Imprensa Univates

identificados 476 espécimes, entre

É pensando nisso, reafirmando

exóticos e nativos, divididos em 62

o papel do cidadão na preser-

espécies e em 26 famílias. Cada

vação da biodiversidade, que a

uma recebeu uma placa informa-

Univates cultiva em seu câmpus

tiva com a descrição da família,

vários redutos de curiosidades e

nome científico e nome popular.

descobertas da flora brasileira,

E entre a diversidade de espécies

tornando um simples passeio

também estão as frutíferas, como

melhor a relação do homem

de novas espécimes, o que muitas

um momento singular de contato

goiabeira, pitangueira, chal-chal,

com a natureza, e não valorizá-

vezes não é visto pelos alunos,

harmônico entre cultura e belezas

jerivá, nespereira e limoeiro. “Cada

-la apenas quando a estamos

mas fiscalizado fortemente pelos

naturais.

espécie possui um atrativo dife-

perdendo. “Podemos ocupar os

órgãos licenciadores. Para cada

rente, seja pela flor, ou pelo fruto”,

nossos espaços, mas respeitar a

metro cúbico que a planta possui,

afirma Bica.

Para realizar um levantamento sobre as espécies da flora nas

espécies do câmpus estão no levantamento realizado

natureza. A Univates possui uma

são plantadas dez mudas de

áreas de circulação do câmpus,

O biólogo ainda salienta o

política bem rígida quanto a isso.

árvores nativas, como uma forma

foi realizada, no fim de 2012, a

papel de todos os indivíduos na

Antes do projeto de construção

de compensar o dano da retirada”,

pesquisa “Rota Ambiental: uma

valorização do ambiente e ressalta

de um prédio, por exemplo, é feita

explica o biólogo.

caminhada pelas belezas naturais

que quando falamos em meio

uma análise sobre a natureza do

Entre as espécies encontradas

da Univates”, de autoria do bolsista

ambiente, é preciso entender que

local. Em muitos casos árvores

com mais frequência no câmpus

de iniciação científica e mestrando

ele não se resume às árvores,

foram removidas e transplantadas

estão: Dypsis lutescens, Syagrus

em Ambiente e Desenvolvimento

é um ecossistema inteiro. Para

em outro lugar, e quando cortadas

romanzoffiana, Inga marginata, Pel-

da Univates Jonas Bica e da

ele, é importante compreender

são compensadas com o plantio

tophorum dubium e Bauhinea sp.

9


10

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

trabalho infantil

Santa Cruz do Sul tem tarde de conscientização contra o trabalho infantil Andreoli MSL Brasil

Cerca de 550 pessoas se reuni-

empresas exigem o comprovante

ram em Santa Cruz do Sul, nesta

de matrícula escolar no período da

terça-feira (9), para participar do

assinatura do contrato de comer-

5º Ciclo de Conscientização sobre

cialização de safra e o comprovan-

saúde e segurança do produtor e

te de frequência ao final de cada

proteção da criança e do adoles-

ano letivo. Em caso da falta destes

cente, promovido pelo SindiTa-

documentos, o produtor não tem

baco (Sindicato Interestadual da

o contrato renovado para a pró-

Indústria do Tabaco), empresas

xima safra. “Com os seminários,

associadas e a Afubra (Associa-

visamos reforçar nossas ações

ção dos Fumicultores do Brasil).

sustentáveis. Estamos aqui para

O evento foi realizado no Pavilhão

cumprir a legislação, orientar os

Central do Parque da Oktoberfest

produtores e proteger crianças e

com a participação de produtores

adolescentes, mas também para

de tabaco, orientadores das em-

proteger o nosso negócio”, disse

presas associadas, autoridades,

o executivo.

saúde e imprensa.

Para o vic e - presidente da Afubra, Mario Grützmacher, a

cerca de 550 pessoas estiveram presentes

O tabaco representou quase

legislação muda e os produtores

13% do total das exportações

precisam acompanhar essa mu-

quinta-feira (11 de julho), e em

gaúchas em 2012 e contribuiu

dança. “Às vezes é complicado

Dom Feliciano, na próxima terça-

fortemente para a balança comer-

para o produtor entender por que

-feira (16 de julho).

cial do Estado. “Os gaúchos são

seu filho precisa chegar a uma

PROTEÇÃO

os maiores produtores de tabaco

determinada idade antes de tra-

O pro curador do Trabalho

no Brasil e devem estar atentos

balhar. Esta mudança deve ser

(MPT/PRT 4ª Região), Dr. Veloir

às questões de produção susten-

encarada com tranquilidade por

Dirceu Fürst, conversou com

tável. Exportamos mais de 85%

nossos produtores”, afirmou.

os produtores presentes sobre

da produção, para mais de 100

As recomendações fornecidas

as mudanças da legislação que

países, por termos um produto de

no evento podem ser acessadas

envolve o trabalho infantil. De

qualidade e integridade. Mas nos-

no site do SindiTabaco, na cartilha

acordo com ele, a partir de 1988,

sos clientes exigem também que o

de orientação que também é en-

a Constituição passou a prever a

tabaco seja produzido observando

tregue aos produtores integrados.

proibição do trabalho de menores

a legislação brasileira”, disse o

Elas também foram reforçadas

de 16 anos, salvo na condição

presidente do SindiTabaco, Iro

pela peça teatral Rádio Fascina-

de aprendiz, aos 14 anos, com

Schünke, na abertura do evento.

divulgação

diretores de escolas, agentes de

Procurador do Trabalho Veloir Fürst palestrou no evento

ção, do grupo Espaço Camarim,

acompanhamento específico.

Os pais costumam argumentar que

faz parte do programa Crescer Le-

Atualmente, menores de 18

de Santa Cruz do Sul (RS), que

Em algumas culturas, entretanto,

os filhos precisam aprender a ativi-

gal, que tem o objetivo de prevenir

anos não podem participar de

trouxe informações de forma lú-

como no tabaco, o trabalho é proi-

dade praticando-a. Mas e se o pai

e combater o trabalho de crianças e

qualquer processo produtivo do

dica sobre os temas abordados

bido até os 18 anos. “Antigamente

fosse um caminhoneiro? Permitiria

adolescentes na cultura do tabaco.

tabaco, inclusive na aplicação

e interagindo com o público. Os

era comum e motivo de orgulho os

que o filho dirigisse? Provavelmente

Esta é a quinta edição do Ciclo, que

de agrotóxicos. Para garantir que

próximos seminários serão reali-

filhos trabalharem.

não, porque é proibido. Os filhos

já percorreu 27 cidades da Região

filhos de produtores estudem, as

zados em Arroio do Tigre, nesta

Mas os tempos mudaram e hoje,

podem ter gosto pela atividade pelo

Sul do Brasil, reunindo 10,3 mil

seguindo recomendações de con-

exemplo dos pais, e podem acom-

pessoas.

venções mundiais, o tabaco está

panhar os pais, mas não como uma

na lista de formas de trabalho proi-

obrigação. A única obrigação dos

bidas para menores de 18 anos”,

filhos é a Escola”, argumentou.

informou. Fürst também falou aos

Além dos seminários, os temas

produtores sobre a diferença en-

são abordados em campanhas

tre trabalho infantil e convivência

veiculadas por emissoras de rádio

familiar.

e TV, cartilhas de orientação e

Segundo ele, algumas ativida-

capacitação dos orientadores agrí-

des são permitidas, desde que não

colas por entidades credenciadas.

vire rotina. “Trabalho infantil ocorre

O 5º Ciclo continua em julho, no

sempre que crianças (até 12 anos)

Rio Grande do Sul, e em agosto,

ou adolescentes (12-18 anos) subs-

no Paraná.

tituem a mão de obra de um adulto.

O 5º Ciclo de Conscientização

SAIBA MAIS • Não utilizar mão-de-obra de crianças e adolescentes menores de 18 anos no cultivo do tabaco (plantio, pulverização, colheita, secagem e comercialização); • Crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos com ensino fundamental incompleto devem frequentar regularmente a escola, em turno e contra-turno (nas localidades onde houver); • O produtor deve entregar à empresa com a qual mantiver contrato de compra e venda de tabaco o atestado de matrícula e de frequência escolar.


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

11

FINANCIAMENTOS

O

agricultor Márcio

permitindo a aplicação em moder-

Bringmann, de Vale

nização, via aquisição de veículos

do Sol, precisava de

de carga, máquinas, implementos

uma alternativa para

e equipamentos, melhoria genética,

reduzir os custos relacionados ao

irrigação, implantação de pomares,

transporte da produção. Encontrou

estufas e armazenagem, entre

no Programa Mais Alimentos, do

outros.

governo federal, a oportunidade

Para garantir condições diferen-

para adquirir o caminhão Mercedes-

ciadas ao agricultor, o programa

-Benz que sempre sonhou. Com

conta com a união de indústrias a

o financiamento, ele comprou um

fim de ofertar produtos a preços

Accelo 1016/37 na Gaúcho Diesel.

mais acessíveis. A Mercedes-Benz

Como ele, cada vez mais agri-

é uma das marcas parceiras, viabili-

cultores buscam o Programa Mais

zando o sonho do caminhão próprio

Alimentos, um dos braços do Pro-

a agricultores que precisam trans-

grama Nacional de Fortalecimento

portar a produção ou têm outras ne-

da Agricultura Familiar (Pronaf), que

cessidades que podem ser supridas

destina recursos para investimentos

com um veículo de carga, a exemplo

em infraestrutura da propriedade,

do agricultor de Vale do Sol.

agencia nakao

divulgação

Programa Mais Alimentos permite modernização da propriedade rural

produtor márcio bringmann adquiriu caminhão com financiamento do mais alimentos

criando as condições necessárias

Em 2013, a Mercedes-Benz

nhões com financiamento de até dez

para o aumento da produção. Suas

renovou sua participação no Mais

anos, sendo até três de carência

SOBRE A GAÚCHO DIESEL

do Sul com suas linhas de veículos

linhas de financiamento contem-

Alimentos, com os veículos da fa-

e juros de 2% ao ano. Para saber

Fundada na década de 1940, a

comerciais da marca Mercedes-

plam projetos associados a todas

mília Accelo – modelos 815 e 1016.

mais, consulte site do Ministério

concessionária Gaúcho Diesel tem

-Benz. A empresa está localizada

as culturas e atividades agropecu-

Os agricultores que se enquadram

do Desenvolvimento Agrário, no

sede em Santa Cruz do Sul e integra

na RSC-287, quilômetro 108,6, em

árias dos agricultores familiares,

no programa podem adquirir cami-

endereço comunidades.mda.gov.br,

o Grupo Apomedil, atendendo 60 lo-

Entrada Rio Pardinho.

ou diretamente na Gaúcho Diesel.

calidades no Estado do Rio Grande

GASTRONOMIA

Se uma Morangos Silvestres já era bom, agora são duas

D

esde o dia 13 de julho,

de dar mais sabor à vida. Conta

Santa Cruz pode contar

também com maquinas novas e

com a filial da Morangos

de alta qualidade. A loja vai manter

Silvestres, no Shopping

seus pratos tradicionais e muitas

Santa Cruz. Um espaço remodela-

divulgação

Promopress

novidades serão lançadas.

do, inovador e aconchegante para

A tradicional Morangos Silvestres

atender bem seus clientes, que há

confecciona alimentos sem lactose,

mais de 20 anos valorizam a quali-

diet e sem glúten, aceita encomen-

dade e o sabor dos produtos da con-

das para coffee breaks, aniversários

feteria e cafeteria. Os proprietários,

e para fazer happy hours com pe-

Ângela Maria Fritzen e Luciano Oli-

tiscos e cerveja ou uma reunião de

veira, receberam clientes e amigos

trabalho com internet disponível aos

no coquetel de inauguração.

clientes. As encomendas na loja do

A filial tem uma equipe de aten-

shopping podem ser feitas pelo fone

dimento treinada com foco em um

(51) 2109.0452, e na do Centro pelo

excelente atendimento e o conceito

(51) 3715.5729.

luciano oliveira e ângela maria fritzen, na filial da morangos silvestres no shopping santa cruz


12

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

ECONOMIA

Universal Leaf Tabacos centralizará as suas operações de processamento de tabaco

Otimiza Comunicação

A

Universal Leaf Tabacos

que funciona em prédio locado em

redução na demanda de produção,

Ltda. (ULTL), uma das

Joinville-SC será descontinuada.

esta centralização vai possibilitar a

Esta mudança não afetará os

Os colaboradores atuais que fo-

produtoras de tabaco”.

operando normalmente.

maiores empresas ex-

Cesar Bünecker, presidente da

utilização mais eficiente dos ativos

volumes previstos para serem com-

ram transferidos para Joinville - SC

portadoras de tabaco

Universal Leaf Tabacos Ltda., dis-

que temos no Brasil. A ULTL reitera

prados dos produtores integrados

oriundos de Venâncio Aires-RS e

do Brasil, anunciou que centralizará

se: “Gostaria de agradecer a todos

seu compromisso de fornecer um

da ULTL nos três estados do Sul do

Santa Cruz do Sul-RS serão convi-

suas atividades de processamento

que direta ou indiretamente contri-

produto com excelência, em con-

Brasil. As unidades de compra da

dados a atuar na Unidade de Santa

buíram para o sucesso das ativi-

formidade com as necessidades

empresa nas cidades de Maracajá,

Cruz do Sul-RS. As atividades de

dades de nossa empresa durante

de nossos clientes, mantendo uma

Rio do Sul e Papanduva, no Estado

transferência da operação terão

da safra de 2014. Como parte desta

os oito anos em que operamos

base forte e sustentável de pro-

de Santa Catarina, e em Rio Negro,

início imediato, com expectativa de

consolidação, a fábrica da ULTL

em Joinville. Mesmo não havendo

dutores nas importantes regiões

no Estado do Paraná, continuarão

conclusão para o início de 2014.

divulgação

de tabaco na unidade fabril localizada em Santa Cruz do Sul-RS a partir

Unidade de beneficiamento em santa cruz do sul

Câmara de Vereadores de Santa Cruz de Sul comemora decisão

Assessoria de Imprensa Câmara SCS

O anúncio de que a Universal

Este retorno, agora, vai gerar um

recente anúncio do investimento

suas razões para levar a unidade

de Santa Cruz do Sul. É a nossa

Leaf Tabacos vai centralizar suas

importante incremento à nossa

de R$ 110 milhões da Philip Morris

de Venâncio Aires para Joinville,

gente, é o trabalhador da nossa

operações em Santa Cruz do

economia.”

Brasil em Santa Cruz. Ele exaltou a

em 2006, mas que “o tempo é

terra, é o que faz a diferença

Sul foi bastante saudado pelos

Wilson Rabuske (PT) destacou

efetiva atuação da direção da Uni-

o senhor da razão”. “A empresa

para manter e trazer de volta as

vereadores do município. O presi-

a importância do anúncio para os

versal para o retorno da unidade

viu que o Rio Grande do Sul tem

indústrias fumageiras.” Outro que

dente da Câmara, André Scheibler

produtores e trabalhadores. “Com-

fabril, bem como a dedicação do

mão de obra qualificada. São mais

se manifestou sobre o tema foi

(PTB), lembrou de 2006, quando a

prova que a melhor mão de obra

Sindicato dos Trabalhadores das

empregos e mais impostos para

Gerson Trevisan (PSDB), que co-

redução do repasse dos créditos

está aqui. Que essa valorização

Indústrias do Fumo e Alimentação

Santa Cruz, consolidando o setor

memorou a decisão da empresa,

de ICMS pelo Estado fez com que

se reflita também em uma melhoria

(Stifa) em constantes negociações

no nosso município.”

“pelo que representa para o ne-

várias empresas ameaçassem

dos salários para toda a indústria

pela manutenção e geração de

sair do Rio Grande do Sul. “E

do setor.” Já Elstor Desbessell

empregos no setor.

aconteceu de fato, com a ULT indo

(PTB) enfatizou o bom momento do

Francisco Carlos Smidt (PTB)

de Venâncio para Santa Catarina.

setor, não só pela ULTL, como pelo

ponderou que a empresa teve

Hildo Ney Caspary (PP), por

gócio do tabaco. Esperamos que

sua vez, disse que a notícia trazida

ajude a dinamizar as exportações,

pela ULT é de imensa importância.

garantindo os investimentos que o

“Prova a valorosa mão de obra

Estado precisa”.


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

13

dia dos pais

Lojistas gaúchos projetam alta de 4% nas vendas do Dia dos pais

A

Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul (FCDL-

divulgação

Assessoria FCDL-RS

o aumento na vendas é a estiagem e a alta inadimplência. O presidente da entidade, Vitor

-RS) espera um cresci-

Augusto Koch, aponta algumas ten-

mento de aproximadamente 4% nas

dências em relação aos artigos que

vendas do varejo para o Dia dos Pais

devem representar o incremento das

– comemorado no dia 11 de agosto –,

vendas. Segundo ele, nesta época

na comparação com o ano passado.

há uma procura muito grande por fer-

De acordo a FCDL-RS, entre os fa-

ramentas, material para construção,

tores que devem influenciar as vendas

veículos, autopeças, produtos da linha

estão a liberação do lote de restituição

branca, equipamentos de informática

do Imposto de Renda no mês de pas-

e móveis.

sado, e mais um lote em agosto, além

Além do incremento do Dia dos

da pressão feita pelo Governo Federal

Pais, também é esperado um aumen-

para que as instituições bancárias

to na procura por livros e materiais

proporcionem aos consumidores a

didáticos, devido ao retorno às aulas.

renegociação de suas dívidas.

Na comparação com o mês de julho,

Também é esperada a redução da

a estimativa da FCDL-RS é que agosto

taxa de crédito rotativo, que é de 323%

represente acréscimo de aproxima-

ao ano no país, sendo a maior da

damente 1,5% e 2%, em volume de

América Latina. O que deve segurar

vendas.


14

sábado, 10 DE AGOSTo de 2013

Clínica Parizotto e IPO se unem para otimizar resultados

Foto Guarujá

ODONTOLOGIA

Otimiza Comunicação

A

Clínica Parizotto e o

oportunamente, deverá divulgar

irão frequentar nossos cursos

IPO (Instituto Parizotto

seus novos cursos. Segundo o

a possibilidade de ampliar seus

de Odontologia) uni-

diretor técnico da clínica, Dr. Egí-

conhecimentos e aprimorar suas habilidades”, acrescenta.

Clínica Parizotto: na Rua Assis Brasil, 93, em Santa Cruz do Sul

ram suas atividades

dio Parizotto, a parceria que uniu

para oferecer atendimento ainda

a experiência em serviços odon-

Para garantia de mais espaços e

Especificamente os cursos de

de pós-graduação, com mais

mais qualificado aos pacientes

tológicos com a atuação na área

conforto, tanto no atendimento dos

Pós-Graduação em Ortodontia,

espaços para as aulas teóricas e

e profissionais da odontologia. A

de educação se estabeleceu em

pacientes como para os serviços

continuam sendo realizados no

atividades práticas.

parceria visa otimizar resultados,

junho de 2013. “Almejamos, atra-

na área de educação, as ativida-

mesmo endereço, nas instalações

Mais informações podem

pois une mais de uma década de

vés de nossos cursos e serviços,

des odontológicas passaram a ser

da Rua Carlos Trein Filho, 448. As

ser obtidas pelos telefones (51)

know-how da Clínica Parizotto em

levar atendimento odontológico

realizadas em um único endereço,

mudanças visam oferecer maior

3713.2142 e (51) 9661.5661.

serviços odontológicos em todas

de qualidade a todas as classes

na Rua Assis Brasil, 93, Centro de

as áreas e também a experiência

sociais de Santa Cruz do Sul e

Santa Cruz do Sul. Os pacientes

pioneira na formação de especia-

região, proporcionando agilidade

em geral recebem atendimento

listas em ortodontia.

e conforto, desde os casos mais

de diversas especialidades, como

Próximo de formar a sua ter-

simples até os mais comple-

próteses, cirurgias, dentística

ceira turma de pós-graduação

xos”, explica. “Queremos também

restauradora, periodontia, odon-

- especialização em Ortodontia -,

oportunizar aos profissionais que

topediatria, endodontia, estética,

clareamento e ronco e apneia.

conforto para a oferta dos cursos

ENDEREÇOS • Rua Assis Brasil, 93: atendimento geral e de especialistas de diversas áreas, como próteses, cirurgias, dentística restauradora, periodontia, odontopediatria, endodontia, estética, clareamento e ronco e apneia e futuros cursos de pós-graduação. • Rua Carlos Trein Filho, 448: cursos de pós-graduação, especialização em Ortodontia e atendimento de pacientes exclusivamente na área de ortodontia.


sábado, 10 de AGOSTo de 2013

15

ODONTOLOGIA

A

o conjunto de técnicas utilizadas e voltadas para a proteção do ser

Assessoria Sorriso & Saúde

divulgação

Saiba mais sobre os processos de Biossegurança

inclusive cirúrgicos, e por isso utilizamos paramentação adequada, adoção de rotinas rígidas de

humano e do ambiente,

desinfecção em todas as áreas e

com intuito de combater qualquer

esterilização de todos os materiais.

tipo de contaminação direta ou

Todos os instrumentos são estere-

indireta, chamamos de Biossegu-

lizados por sistema de autoclava-

rança. Para prevenção da infecção

gem, embalados em papéis grau

cruzada na clínica odontológica,

cirúrgico descartáveis.

empregamos processos de esteri-

Biossegurança é garantia de

lização dos materiais e seguimos

saúde. A certeza do atendimento

rigorosamente todos os proce-

seguro e confortável traduz uma re-

dimentos destinados a manter a

lação de respeito e confiança entre

cadeia asséptica.

profissional e o cliente. Zelar pela

Tais procedimentos são rea-

segurança do cliente é o primeiro

lizados em relação ao pessoal

passo para um bom atendimento e

odontológico, aos instrumentos e

satisfação do mesmo. Realizamos

acessórios, ao equipamento e ao

também a coleta seletiva dos resí-

paciente. Nos nossos consultórios

duos de saúde, contribuindo para o

da Clínica Sorriso & Saúde, realizamos diversos procedimentos,

bem-estar, segurança da sociedade clínica sorriso & saúde realiza todos os procedimentos para combater contaminações

e preservação do meio ambiente.


16

sรกbado, 10 DE AGOSTo de 2013