Issuu on Google+

GUIA OFICIAL

1


2

3


Peniche tem sido o palco para os melhores surfistas do mundo. Com boas-vindas eufóricas e um grande apoio dos fãs portugueses, temos a certeza que o evento deste ano trará tudo isto e muito mais.

O Rip Curl Pro Portugal já viu tempestades, sol, chuva, ondas de pontuação máxima em Supertubos... e muito mais! Peniche tem sido o palco para os melhores surfistas do mundo. Com boas-vindas eufóricas e um grande apoio dos fãs portugueses, temos a certeza que o evento deste ano trará tudo isto e muito mais. Esperamos uma praia de Supertubos tão vibrante como da última vez, para que os surfistas de elite possam dar espectáculo num dos melhores beach-breaks do mundo perante milhares de fãs do surf, portugueses e internacionais, que assistem na praia, e para os outros milhões que nos acompanham em directo através de transmissões televisivas e por webcast, um pouco por todo o mundo.

Em nome da Rip Curl Europe, gostaria de agradecer pessoalmente à TMN, Turismo de Portugal, EDP, Nestlé, Buondi, Ford e RTP pelo seu envolvimento no evento deste ano e ainda aos surfistas e comunidade de Peniche por continuarem a apoiar com entusiasmo este evento do World Tour. Também gostaria de agradecer à ASP e aos surfistas do ASP World Tour por regressarem a Portugal e a Peniche pela terceira vez. E ainda aos «media» presentes no evento e a todos os que fazem a cobertura do mesmo em terras distantes. Obrigado pelo vosso apoio, Live the Search. Fred Basse Co-Fundador e Director de Marketing da Rip Curl Europe

4

© WORLDSPOON / José Diogo Lucena

Agradecimento Oficial Rip Curl


Mensagem de S. Exa. a Secretária de estado do turismo É com muito orgulho que o governo português se associa à 3ª edição do Rip Curl Pro Portugal, prova integrada no circuito mundial do surf profissional, o World Tour, que reúne os melhores surfistas do mundo.

Portugal é um país marítimo por excelência, com uma já longa história e tradição náutica e que cada vez mais se afirma internacionalmente em matéria de desportos ligados ao mar. Portugal é um destino impar na Europa para a prática de surf durante todo o ano, devido sobretudo aos nossos recursos naturais, que vão deste o clima ameno à vasta costa atlântica, com uma elevada qualidade de ondas para esta modalidade. A estes factores, acrescento a capacidade de organização das empresas nacionais, que têm dado a Portugal um protagonismo a nível internacional nos grandes eventos ligados ao mar. A simpatia e hospitalidade do povo português, a nossa riquíssima

6

gastronomia fortemente inspirada no mar e tantos outros atractivos turísticos, têm sido fortes aliados na concretização de grandes projectos que recebemos e queremos continuar a receber. Aproveito para desejar a todos os participantes uma ótima estadia em Portugal, e convidar os amantes de surf a descobrirem alguns dos melhores spots da Europa que Portugal vos oferece.

Cecília Meireles Secretária de Estado do Turismo


A TMN com o rip curl pro 2011

A presença da tmn no surf é uma aposta que, desde 2006, se tem vindo a construir com o apoio a atletas, escolas de surf e campeonatos.

O ponto alto do patrocínio a campeonatos de surf ocorreu em 2009, com o Rip Curl PRO Search, que trouxe os melhores surfistas do mundo a Peniche. Em 2010, graças à Rip Curl e à tmn, Portugal voltou a ter surf de grande qualidade nas ondas de Peniche. Dado o sucesso destas duas edições, o peso que esta prova tem no calendário internacional e na promoção de Portugal enquanto destino privilegiado de surf, não poderíamos deixar de estar novamente presentes em 2011. O surf traduz valores que são essenciais para a tmn, tais como a audácia, o esforço, a perseverança, e esta associação está materializada no apoio à modalidade, através de vários

8

patrocínios: no tmn Surf Team, equipa composta pelos melhores surfistas nacionais, entre eles Tiago “Saca” Pires; na presença em vários campeonatos de surf nacionais; e na organização de eventos próprios – tmn Saca Tour e tmn Saca Juniores - que ajudam a promover o surf nas camadas mais jovens, não só para os iniciados, mas também para os jovens que já competem e entre os quais poderá estar, quem sabe, o próximo Saca! Tal como o World Tour em Portugal, a tmn no surf está para ficar. Até já!

Luis Avelar Administrador TMN


RIP CURL PRO PORTUGAL INOVAÇÃO E EXCELÊNCIA O ano de 2009 será lembrado na história do surf profissional como de retorno e inovação.

A Rip Curl Internacional, juntamente com suas afiliadas – Portuguesa e Francesa, e com participação indispensável da autarquia de Peniche e do Turismo de Portugal, embarcou num projeto audacioso, de trazer uma prova do ASP World Tour de volta a terras lusitanas. Mas o projecto não poderia ser apenas para uma etapa “one-off” do já tradicional “Search”, evento itinerante do calendário da ASP, nem tão pouco de somente “adicionar” uma prova a mais no calendário do Circuito. As pessoas envolvidas tinham sonhos e objectivos mais altos, e o público e o surf Português mereciam uma prova permanente da Elite do surf mundial.   Peniche sempre foi um dos grandes centros do surf Português e Europeu em termos de oferta e qualidade de ondas, contudo, logísticamente falando, não é exactamente uma área de fácil

10

execução para uma estrutura de um campeonato de surf do porte de uma etapa do World Tour. Para garantir o sucesso da prova, “mobilidade” tornouse uma palavra chave! Além do “event site” principal na Rainha das ondas de Peniche, a mundialmente conhecida Supertubos, estruturas de back-up tiverem de ser montadas no Lagido, Belgas e Molhes Leste! Planeamento e execução competente foram condições imperativas para o sucesso do projecto, e quando o Circuito da ASP finalmente chegou a Peniche, nós, “estrangeiros”, ficámos maravilhados com o excelente nível das estruturas colocadas à nossa disposição.   Há 22 anos no World Tour da ASP e há 10 como Tour Manager, não presenciei etapa debutante tão bem estruturada como a de 2009! E sabemos que estrutura bem montada não é o suficiente  para garantir o sucesso de um campeonato. É necessário um time capacitado, profissional e, acima

de tudo, com paixão pelo que faz, para garantir o sucesso da execução da prova. Foi exatamente isso que encontrámos no Rip Curl Pro de Peniche em 2009! Liderados pelo jovem talento Francisco Spínola, à frente do Marketing da Rip Curl Portuguesa, e com a experiência de “Jêjê”, da Rip Curl Francesa, nos deparamos com este trio de - capacitação, profissionalismo e paixão - que guiou o evento ao sucesso total, transpondo inclusivé obstáculos não programados e/ou esperados, como a fúria do oceano a destruir o site principal de Supertubos. Além dos integrantes da Rip Curl, a ASP teve a grata surpresa de conhecer e trabalhar com o político mais actuante à frente de um município por onde o World Tour já passou! Na pessoa do querido “Tó-Zé”, e usando um termo em Inglês da gíria surfística, um verdadeiro “Frother”, testemunhámos uma paixão pela cidade, pelo esporte e total comprometimento para com o evento nunca antes encontrados.   O inigualável “Debut” da prova no Circuito Mundial, juntamente com as excelente condições de ondas na área de Peniche, levou todos os envolvidos acima citados, juntamente com a ASP Internacional, a vislumbrar o que para muitos parecia impossível: transformar a etapa em paragem permanente no calendário do World Tour. Impecilhos de contratos tiveram de ser transpostos, detalhes de

orçamentos, cronograma, calendário… para enfim batermos o martelo e declarar oficialmente que Rip Curl, Peniche e Portugal teriam uma etapa permanente do ASP World Tour.   Veio o ano de 2010 e os organizadores, a cidade e o povo Português provaram a todos que a opção não poderia ter sido mais acertada! O Rip Curl Pro Portugal inovou novamente, fazendo pela primeira vez a transmissão ao vivo de uma etapa do circuito em HD e 3D, com uma produção técnica de televisão e webcast até então nunca vistas no surf profissional. Até mesmo os Top 34 faziam fila à frente de um dos camiões da equipa técnica nos Belgas, para poderem assistir um pouco às baterias utilizando os óculos 3D. Para fechar com chave de ouro, Supertubos nos premiou com ondas potentes e tubulares nos dois últimos dias de competição, Kelly Slater e Jordy Smith fazendo uma final digna da paixão do público que a assistia. A ASP Internacional tem muito orgulho de estar associada com a Rip Curl e a cidade de Peniche neste empreendimento, certos que Inovação e Excelência nos acompanharão nesta etapa e em muitos anos por vir. Bom evento!

Renato Hickel Tour Manager ASP WT

11


Mensagem do PRESIDENTE da Câmara MUNICIPAL de PENICHE Bem-vind@s! É uma honra e um orgulho para peniche, para a nossa região e para portugal voltar a receber o World Tour.

São dias fantásticos e imprevisíveis. Os milhares de pessoas que vêm até às nossas ondas e os milhões de internautas e tele-espectadores que por todo o mundo acompanham a prova são testemunhas disso. A imprevisibilidade do tempo, a imprevisibildade das ondas, a espectacularidade das manobras, o ambiente salutar e de festa, fazem da nossa prova um acontecimento a não perder por ninguém, esteja onde estiver. Peniche tem-se preparado para poder garantir que a edição de 2011 seja de novo um sucesso. Estamos, assim, a valorizar os melhores surfistas do planeta que bem conhecem as nossas ondas e o nosso público. Com esta atitude estamos também a valorizar a aposta da rip curl e da asp no nosso território e na parceria com peniche e portugal. Queremos também ir ao

12

encontro dos nossos patrocinadores para que, apesar da crise financeira mundial que nos assola, fiquemos definitivamente na rota daquilo a que eu chamo a «fórmula 1 do surf». Bem-vindos à, cada vez mais, capital da onda. Quero encontrá-los por aí e partilhar com tod@s as nossas ondas, as nossas gentes, a nossa cultura, o nosso melhor peixe, as nossas paisagens naturais, com destaque para as berlengas, agora reconhecidas como reserva da biosfera pela Unesco, … Um forte e amigo abraço,

António José Correia Presidente da C.M. Peniche


MICK FANNING

Tanto na vida como nas competições, Mick Fanning enfrentou grandes obstáculos. Em 1998, quando tinha 16 anos e a sua carreira começava a “levantar voo”, o seu irmão mais velho, Sean, também aspirante a surfista, morreu num acidente de viação. Apesar de ter ficado completamente destroçado após a morte de Sean, Mick manteve-se fiel ao irmão e aos seus sonhos e continuou a sua progressão no surf profissional. Em 2002, o seu primeiro ano no World Tour da ASP, Mick terminou no Top 5 e tinha como objectivo subir ainda mais alto quando, em 2004, aconteceu outra tragédia. Durante uma viagem à Indonésia, Mick rompeu um tendão quando sofreu uma queda ao fazer um floater. O surfista foi submetido a uma operação e os médicos não sabiam se ele voltaria a recuperar totalmente. Mas Mick não deu ouvidos à negatividade e graças a um treino intensivo e dedicado voltou às ondas e ao tour seis meses depois.

14

De volta e cheio de determinação, o seu próximo teste seria o mesmo desafio de C todos os surfistas do World Tour da época M de 2000, enfrentar Kelly Slater e Andy Irons. Mas após vencer o primeiro evento Y em 2007, Mick fez uma das suas melhores épocas competitivas, ganhando três CM eventos, conseguindo um segundo lugar e MY ainda quatro terceiros lugares. Ele desafiou todas as expectativas e trouxe, com muitoCY orgulho, o título mundial da ASP de volta à Austrália, o que não acontecia desde a CMY vitória de Mark Occhilupo, em 1999. K

Mick voltou a ganhar o título mundial em 2009 e ficou em terceiro lugar nas classificações de 2010 contra a supremacia de Kelly Slater e Jordy Smith. Mas é seguro dizer que Mick Fanning não vai desaparecer nos próximos tempos. Ainda dedicado aos treinos e ao World Tour, Fanning continua explosivo nas ondas, tornando-se uma delícia para os olhos dos fãs e uma inspiração para os colegas surfistas e admiradores da modalidade.

15


KELLY SLATER

O domínio de Kelly Slater no surf competitivo tem sido algo inigualável não só no surf, mas também em todos os desportos do planeta. Considerado pelos críticos como um dos maiores atletas de todos os tempos, o decacampeão mundial da ASP já enfrentou quase todos os adversários imponentes, desde Tom Carroll, a Martin Potter e ao já falecido Andy Irons. E agora, em 2011, Kelly tem em vista um incrível 11º título mundial. O prodígio da Flórida começou a deixar a sua marca na ASP quando foi campeão pela primeira vez em 1992 e, a partir daí, tem sido o grande conquistador das provas de surf dos últimos anos, vencendo 6 títulos antes do término da década de 90. Após uma breve ausência sabática entre 1999 e 2001, Slater voltou, para enfrentar a nova geração do surf, entretanto liderada por Joel Parkinson, Mick Fanning e, claro, Andy Irons. Este último acabou por ser o único surfista a igualar Slater tecnicamente e mentalmente, com uma paixão crua e pura pelo surf. No Rip Curl Pro Search 2010 “Somewhere in Puerto Rico” - quase 20 anos depois de ter

16

ganho o seu primeiro título - Kelly foi mais uma vez indomável e levou consigo um histórico, emocionante e inesquecível 10º título mundial. E após muita especulação se este seria o seu último objectivo de carreira, Slater regressou em 2011 e ganhou o primeiro evento da temporada na Gold Coast, Austrália, seguindo-se o Billabong Pro no Tahiti, o Hurley Pro em Trestles, e um segundo lugar no Quiksilver Pro New York. Tendo isto em conta, parece que o surfista ainda tem o 11º título mundial na mira. O lendário status de celebridade que Slater possui atrai constantemente a atenção dos fãs e dos “media”, onde quer que vá. Mas apesar da sua falta de privacidade, o surfista não mostra vontade de se afastar das luzes da ribalta. Ele é para o surf o que Michael Jordan é para o basquetebol e o que Tiger Woods é para o golfe. Sempre um cavalheiro e um constante apoiante de organizações de beneficência tais como Life Rolls On, SurfAid e Space Coast Early Intervention Center, Kelly Slater é uma figura marcante dos nossos desportos e sem sombra de dúvida o melhor surfista da História.

17


TIAGO PIRES

O primeiro e único Português no ASP World Tour está de volta a Peniche. Agora no seu quarto ano entre a elite mundial, Saca – um herói nacional em Portugal – enfrenta actualmente os melhores surfistas do mundo de igual para igual, com a sua enorme determinação e muito talento. Logo no seu ano de estreia, Tiago ganhou um imenso respeito por parte dos outros surfistas do Tour, quando foi o primeiro surfista do então Top 45 a quebrar a invencibilidade de um muito determinado Kelly Slater a caminho de mais um título mundial. Isso aconteceu na primeira metade de 2008, no Rip Curl Pro Search na Indonésia e, desde então, os dois atletas já se encontraram mais vezes. Em seis confrontos homem-a-homem, cada um leva três vitórias consigo. O desempate poderá ser no Rip Curl Pro Peniche 2011?!... A

18

ver vamos!... O “Portuguese Tiger”, como é conhecido, começou muito bem o ano, com um terceiro lugar na etapa inaugural, seguido de um nono no 50º aniversário do Rip Curl Pro Bells Beach, e procura em Peniche não só outro bom resultado, mas também algo que lhe tem escapado nas edições anteriores da prova – ter a sorte de surfar em condições de excelência para poder mostrar o seu potencial à frente dos milhares de fãs que leva constantemente às praias onde compete! O factor casa pode ser determinante na escolha das ondas certas e Saca, que vive na Ericeira, muito perto de Peniche, sabe-o melhor que ninguém, sendo um dos claros favoritos nesta etapa e um dos mais temidos pelos restantes Top 34. Até porque conhece os caminhos dos tubos de Peniche e já venceu provas em Supertubos!

19


aSP

aSP

TOP 34 6. Jeremy Flores Alcunha: Slates, Slats, Jimmy Slade, KS10
 D. Nascimento: 11/02/1972
 Natural de: Cocoa Beach, Florida USA Residência: Cocoa Beach, FL; Santa Barbara, CA; Gold Coast, AUS Altura: 1,75m / Peso: 72,5 kg Posição: Regular www.kellyslater.com

2. Jordy smith

3. Owen wright

Alcunha: Parko
 D. Nascimento: 10/04/1981
 Natural de: Nambour, QLD, Austrália Residência: Coolangatta, QLD, Austrália Altura: 1,83m / Peso: 84 kg Posição: Regular www.joelparko.com

Alcunha: Ace ou Bucko
 D. Nascimento: 21/09/1982
 Natural de: Central Coast, New South Wales, Austrália Residência: Avoca Beach, New South Wales, Austrália Altura: 1,74m / Peso: 75 kg Posição: Goofy twitter.com/acebuchan

5. TAJ BURROW

18. Raoni Monteiro Alcunha: Monstrinho D. Nascimento: 07/05/1982
 Natural de: Rio de Janeiro, Brazil Residência: Saquarema, Brazil Altura: 1,71m / Peso: 73 kg Posição: Regular www.raonimonteiro.com.br

19. Matt Wilkinson Alcunha: Wilko D. Nascimento: 29/09/1988
 Natural de: Sydney, New South Wales, Austrália Residência: Copacabana, New South Wales, Austrália Altura: 1,80m / Peso: 75 kg Posição: Goofy www.ripcurl.com

Alcunha: Kerrzy
 D. Nascimento: 29/03/1984
 Natural de: Tweed Heads, NSW Australia Residência: Gold Coast, QLD Australia and San Diego, California USA Altura: 1,73m / Peso: 70 kg Posição: Regular www.kerr-azy.com

15. Alejo Muniz Alcunha: The Spartan
 D. Nascimento: 30/12/1985
 Natural de: Rurutu, Tuamotus Islands Residência: Toahutu, Tahiti Altura: 1,76m / Peso: 76 kg Posição: Regular www.nike6.com

Alcunha: K.P. D. Nascimento: 01/01/1977
 Natural de: Byron Bay, New South Wales, Australia Residência: Byron Bay, New South Wales, Australia Altura: 1,77m / Peso: 68 kg Posição: Regular twitter.com/kierenperrow

Alcunha: Damo
 D. Nascimento: 06/07/1979
 Natural de: Melbourne, Florida USA Residência: Satellite Beach, Florida USA Altura: 1,78m / Peso: 70,3 kg Posição: Goofy www.hobgoods.com

Alcunha: Durbo, The White Fijian
 D. Nascimento: 23/02/1983
 Natural de: Currumbin, QLD, Austrália Residência: Brisbane, QLD, Austrália Altura: 1,80m / Peso: 82 kg Posição: Regular www.bededurbidge.com

10. Michel Bourez Alcunha: TB 
 D. Nascimento: 02/06/1978
 Natural de: Busselton, WA Austrália Residência: Bali, Indonésia Altura: 1,75m / Peso: 72 kg Posição: Regular www.facebook.com/pages/ Taj-Burrow twitter.com/TajBurrowAus

17. Kieren Perrow

14. Josh kerr

9. Bede Durbidge Alcunha: Micktor, Eugene ou White Lightning 
 D. Nascimento: 13/06/1981
 Natural de: Penrith, New South Wales, Austrália Residência: Tweed Heads, New South Wales, Austrália Altura: 1,77m / Peso: 73 kg Posição: Regular www.mickfanning.com.au

Alcunha: Medina
 D. Nascimento: 22/12/1993
 Natural de: Maresias, Brazil Residência: Maresias, Brazil Altura: 1,80m / Peso: 68 kg Posição: Goofy twitter.com/gabrielmedinaa

Alcunha: J-Dubb, Joycy
 D. Nascimento: 08/11/1988
 Natural de: Coolum Beach, QLD Austrália Residência: Coolum Beach, QLD Austrália Altura: 1,83m / Peso: 78 kg Posição: Regular www.julianwilson.com

13. Damien Hobgood

8. Adrian Buchan Alcunha: Owe 
 D. Nascimento: 16/01/1990
 Natural de: Culburra Beach, New South Wales, Austrália Residência: Lennox Head, New South Wales, Austrália Altura: 1,90m / Peso: 78 kg Posição: Goofy www.ripcurl.com

16. GABRIEL MEDINA Alcunha: Mineirinho
 D. Nascimento: 13/02/1987
 Natural de: Guaruja São Paulo, Brasil Residência: Laguna Niguel, California USA Altura: 1,67m / Peso: 65 kg Posição: Regular www.vimeo.com/ adrianodesouza

12. Julian Wilson

7. Joel Parkinson Alcunha: J-Dog 
 D. Nascimento: 11/02/1988
 Natural de: Durban, África do Sul
 Residência: Newport Beach, California USA Altura: 1,88m / Peso: 86 kg Posição: Goofy www.jordysmith.com

4. Mick Fanning

20

11. Adriano de Souza Alcunha: Jezza
 D. Nascimento: 27/04/1988
 Natural de: Reunion Island Residência: New Caledonia and Capbreton Altura: 1,74m / Peso: 68 kg Posição: Regular www.jeremy-flores.com

© ASP / Kirstin Scholtz

1. Kelly Slater

TOP 34

20. Jadson André Alcunha: Corpinho
 D. Nascimento: 22/02/1990
 Natural de: Argentina Residência: Santa Catarina, Brazil Altura: 1,73m / Peso: 70 kg Posição: Regular www.nike6.com

Alcunha: Jadson D. Nascimento: 13/03/1990
 Natural de: Natal, Brasil Residência: Natal, Brasil Altura: 1,70m / Peso: 66 kg Posição: Goofy www.oakley.com

21


aSP

TOP 34 26. Daniel Ross Alcunha: Cyborg
 D. Nascimento: 03/04/1982
 Natural de: Fortaleza, Brasil Residência: Rio de Janeiro, Brazil Altura: 1,67m / Peso: 66 kg Posição: Goofy www.mormaii.com

22. Chris Davidson

23. Brett Simpson

Alcunha: Freddy P D. Nascimento: 15/12/1981
 Natural de: North Shore, Oahu Hawaii USA Residência: North Shore, Oahu Hawaii USA Altura: 1,73m / Peso: 75 kg Posição: Goofy www.insurfnews.com

32. Travis Logie

34. John John Florence Alcunha: Trent D. Nascimento: 11/05/1979
 Natural de: Durban, África do Sul Residência: Durban, África do Sul Altura: 1,71m / Peso: 66 kg Posição: Goofy twitter.com/travislogie

© ASP / Kirstin Scholtz

Alcunha: Mike or Migi
 D. Nascimento: 19/11/1991
 Natural de: Itanhaem, São Paulo Brasil Residência: Camburi, São Paulo Brasil Altura: 1,76m / Peso: 67 kg Posição: Goofy

© ASP / Kirstin Scholtz

33. Fredrick Pattachia Alcunha: Saca
 D. Nascimento: 13/03/1980
 Natural de: Alcântara, Lisboa Portugal Residência: Ericeira, Portugal Altura: 1,70m / Peso: 70 kg Posição: Regular www.go-s.tv

27. Miguel Pupo Alcunha: Davo, Davostation
 D. Nascimento: 09/12/1976
 Natural de: Mona Vale, Sydney, New South Wales Austrália Residência: North Narrabeen, Sydney, New South Wales Austrália Altura: 1,78m / Peso: 68 kg Posição: Regular www.lostenterprises.com

Alcunha: John John D. Nascimento: 18/11/1992
 Natural de: Honolulu, HI Residência: North Shore, Oahu, HI Altura: 1,83m / Peso: 76,2 kg Posição: Regular twitter.com/johnjohnflorenc

28. Dusty payne Alcunha: Crusty
 D. Nascimento: 27/12/1988
 Natural de: Wahiawa, Oahu Residência: Lahaina, Maui Altura: 1,78m / Peso: 75 kg Posição: Regular www.volcom.com

Alcunha: Simpo
 D. Nascimento: 05/01/1985
 Natural de: Long Beach, Califórnia, USA Residência: Huntington Beach, Califórnia, USA Altura: 1,85m / Peso: 79 kg Posição: Regular www.simplysimpo.com

24. Dane Reynolds

Suplentes: 1º. Adam Melling

29. Kai Otton

Alcunha: Patty Cakes, Pat, Gudang D. Nascimento: 20/11/1985
 Natural de: La Jolla, Califórnia, USA Residência: San Clemente, Califórnia, USA Altura: 1,85m / Peso: 73 kg Posição: Regular www.the3tree.com

Alcunha: Ceej
 D. Nascimento: 06/06/1979
 Natural de: Melbourne, Flórida USA Residência: Melbourne, Flórida USA Altura: 1,73m / Peso: 68 kg Posição: Goofy www.hobgoods.com

3º. Tom Whitaker

30. Taylor Knox Alcunha: TK
 D. Nascimento: 15/05/1971
 Natural de: Thousand Oaks, Califórnia USA Residência: Carlsbad, Califórnia USA Altura: 1,78m / Peso: 77 kg Posição: Regular twitter.com/taylor_knox

© ASP / Kelly Cestari

25. PATRICK GUDAUSKAS

2º. C. J. Hobgood Alcunha: Melling
 D. Nascimento: 29/03/1985
 Natural de: Lennox Head, NSW Austrália Residência: Lennox Head, NSW Austrália Altura: 1,85m / Peso: 75 kg Posição: Regular www.adammellling. blogspot.com

Alcunha: Ottz, Otto
 D. Nascimento: 16/12/1979
 Natural de: Tathra, NSW, Austrália Residência: Queenscliff, Sydney, NSW, Austrália Altura: 1,80m / Peso: 77 kg Posição: Goofy twitter.com/Ottz79

Alcunha: Bro D. Nascimento: 07/09/1985
 Natural de: Long Beach, Califórnia, USA Residência:Ventura, Califórnia USA Altura: 1,83m / Peso: 79,4 kg Posição: Regular www. marinelayerproductions. com

22

31. Tiago Pires Alcunha: Rossy
 D. Nascimento: 15/02/1983
 Natural de: Coffs Harbour, NSW Austrália Residência: Angourie, NSW Austrália Altura: 1,84m / Peso: 80 kg Posição: Regular www.freshmullet.com

© ASP / Kirstin Scholtz

21. Heitor Alves

Alcunha: Whits
 D. Nascimento: 04/10/1979
 Natural de: Sydney, New South Wales, Austrália Residência: Sydney, New South Wales, Austrália Altura: 1,80m / Peso: 80 kg Posição: Regular www.aspworldtour.com

23


PORTUGAL Portugal fica situado no sudoeste do continente europeu, mais precisamente na Península Ibérica, fazendo fronteira com Espanha a Norte e Este, e com o Oceano Atlântico a Sul e Oeste. Os arquipélagos dos Açores e da Madeira também são parte integrante do território português. A língua oficial é o português, embora a maior parte dos habitantes também fale inglês, língua que faz parte do programa de ensino das escolas públicas. País reconhecido pela sua hospitalidade, Portugal atrai uma grande quantidade de turistas todos os anos, sendo os destinos mais cobiçados Lisboa (a capital), o Algarve, as Ilhas (Madeira e Açores), o Porto, a Região Norte e o Alentejo.

PENICHE Reconhecida por muitos como a melhor e mais consistente zona para a prática do surf na Europa, a Península de Peniche oferece a possibilidade de surfarmos tanto na costa norte como na costa sul, o que resulta na garantia de encontrarmos condições de mar excelentes, independentemente da direcção do vento e/ou da ondulação. A Península de Peniche terá sempre à nossa disposição uma praia com vento offshore e boas ondas.

AS ONDAS DO CAMPEONATO O evento poder-se-á realizar em dois spots diferentes. Spot Principal: Supertubos – Uma onda de categoria mundial, famosa pelos seus tubos perfeitos. O spot é mais conhecido pelas suas esquerdas, mas também podemos contar com direitas épicas. Supertubos foi considerada pela revista americana Surfer Magazine como uma das melhores do mundo.

Direcção da ondulação: Sudoeste. Direcção do vento: Nordeste.

Spot Secundário: Pico da Mota - Praia de areia, com várias ondas. Bancos de areia e algumas zonas de mistura entre fundo de areia e pedra.

24

Direcção da ondulação: Qualquer uma. Direcção do vento: Sul e Leste.

25


Rip Curl Secção Planeta Nascida em 1969 em Bells Beach na Austrália, uma onda e linha costeira que representam a primeira reserva mundial de surf – desde o início que a Rip Curl reuniu e ajudou todos aqueles que se preocuparam em proteger o que dá vida, energia e carreiras aos surfistas : zonas costeiras icónicas com ondas perfeitas e beleza extraordinária no seu estado puro. Este princípio tem vindo a evoluir e a integrar-se em diferentes formas na Rip Curl – desde 2005, devido ao grande número de actividades e áreas de protecção, a Rip Curl Planet foi criada para canalizar todos os esforços ambientais da Rip Curl, não apenas no que diz respeito à preservação e protecção das ondas e linhas costeiras, mas também para apoiar na produção de eventos e produtos que apelem à consciencialização ambiental. No lado da Rip Curl, o nosso objectivo é reduzir o impacto Rip Curl Pro Portugal em múltiplas frentes:

Gestão de Desperdícios: Redução e Reciclagem > Todos os fatos de surf na competição são feitos de poliéster reciclado. > Todas as produções em papel são impressas em papel reciclado ou certificado pelo FSC > Ecopontos são colocados dentro e em redor do local do evento em parceria com a Câmara Municipal. > No catering são usados pratos, talheres e copos reutilizáveis. Materiais não reutilizáveis são apenas usados em comida enviada para fora quando a competição muda de sítio, para surfistas e juízes.

26

Protecção de Surf Spots: Rip Curl Planet Fund > Tal como em anos anteriores, as dunas serão protegidas com vedações e estandartes. > Haverá uma participação activa de duas grandes organizações ambientais que nós ajudamos através do nosso Fundo Ambiental, a Surfrider Foundation Europe ( www.surfrider.eu) e a Salvem O Surf (http://salvemosurf.org/sos ). Ambas as organizações estarão no evento a apresentar projectos em que trabalham para proteger spots de surf da poluição e de outras agressões ambientais. Saibam mais sobre estes projectos em: www.ripcurlplanet.com

Diversões de praia associadas ao ambiente para crianças e adultos Divirtam-se na praia com o super-herói da Rip Curl e saibam mais sobre o que podem fazer em casa para ajudar o nosso planeta. Na praia podem participar em:

> Limpezas de praia : todos os que participarem nas limpezas poderão receber uma prenda Rip Curl! > Para os fumadores: terão cinzeiros reutilizáveis à disposição, e tenham atenção às eco-caixas que serão distribuídas na praia! > Recolha de velhos fatos de surf no Programa Ressureição Tragam o vosso fato velho (seja de que marca for) e nós reciclamo-lo para vocês! Também vos damos uma garrafa de água de alumínio (nada de plásticos!) e um voucher de 15% de desconto na compra do vosso próximo fato da Rip Curl na loja da Rip Curl em Peniche. Venham e aproveitem a diversão na praia e levem para casa não só presentes, mas também lições sobre como cuidar do nosso planeta!

27


História do

GRom search

Fundado em 1999, em Torquay, na Austrália, o evento Rip Curl GromSearch é a competição de surf na categoria de Sub-16 mais prestigiada do mundo, que decorre nas regiões de surf mais importantes do planeta – Brasil, Austrália, EUA, Indonésia, África do Sul, Nova Zelândia e Europa. Os campeões de cada uma destas regiões recebem como prémio o direito de representar o seu país na grande final internacional do GromSearch, que faz parte do famoso Rip Curl Pro, etapa do World Tour que acontece todos os anos pela altura da Páscoa, em Bells Beach, na Austrália. O talento fenomenal que passa pelo evento GromSearch já celebrizou nomes como Stephanie Gilmore (tetracampeã mundial), o

prodígio australiano Owen Wright (actual Nº 2 no circuito mundial da ASP), Jordy Smith (vice-campeão mundial e actual Nº 4 da ASP), Sally Fitzgibbons (vice-campeã mundial da ASP em 2010 e 2011), Tyler Wright (a mais jovem surfista na história do surf a vencer um evento do World Tour) e Matt Wilkinson (actual Nº 17 no circuito mundial da ASP) que outrora foram grandes finalistas desta competição. Este ano os eventos europeus visitaram quatro países diferentes ao longo das 10 etapas. França, Espanha, Portugal e Inglaterra foram os privilegiados. O evento termina com uma grande final europeia em Peniche, como parte do evento Rip Curl Pro Portugal. Pro Portugal.

The Shinkickers São uma jovem banda de rock com influências de blues. The Shinkickers foram formados em Hossegor, França, por três grandes músicos e amigos - Quentin (vocalista e guitarrista), PierreLouis (baixista) e Jean-Baptiste (bateria). Após uma digressão 28

francesa energética no ano anterior, que contou com 22 concertos e uma performance memorável no Rip Curl Music Festival de 2010, The Shinkickers preparam-se para pisar as terras de Peniche para o Rip Curl Pro Portugal.

GABRIEL MEDINA

Gabriel é um dos jovens surfistas mais promissores do planeta e já tem uma lista de resultados impressionantes em competições, com apenas 17 anos. Este talentoso goofy faz com que cada heat se transforme num verdadeiro espectáculo graças às suas manobras aéreas futuristas. O prodígio brasileiro acabou de se qualificar para o World Tour da ASP após desempenhos memoráveis em 2011 - especialmente durante o seu percurso europeu, vencendo o Sooruz Lacanau Pro, em França e o San Miguel Pro, em Espanha, pontuando muitos 10 pelo caminho. O domínio demonstrado por Medina no Airwalk Lacanau Pro Junior ainda está a dar que falar, pois foi uma performance nunca antes vista, que consistiu em sete vitórias consecutivas nos heats em que competiu, graças a scores totais impressionantes, três 10 perfeitos, 20 pontos num só heat, as 9 melhores ondas do evento e ainda os 7 melhores scores totais. Absolutamente fantástico!

29


PENICHE, um outro mar para descobrir... Quando o vento brando acalma o mar e as ondas não surgem, Peniche tem outras “ondas” para surfar. Aqui ficam vinte sugestões: > Conhecer o Centro Histórico de Peniche, e visitar a Ribeira Velha, antigo porto de abrigo.

> Fazer observação das várias espécies de aves marinhas que cruzam o mar entre as Berlengas e Peniche.

> Visitar a Fortaleza de Peniche e o Museu Municipal.

> Percorrer a península de Peniche mergulhando na verdejante paisagem de fazendas, moldada pelos típicos muros de pedra solta.

> Percorrer a Rota das Igrejas do Concelho de Peniche. > Visitar as várias exposições temáticas temporárias, com destaque para as exposições “Eu e o Mar: profissões tradicionais de Peniche”, na Fortaleza de Peniche, e “Para além do Surf / Beyond Surfing”, de Ricardo Bravo, no Edifício Cultural. > Aprender a fazer Renda de Bilros de Peniche na escola-oficina municipal. > Deliciar-se com a rica gastronomia, onde pontificam os pratos de peixe. > Visitar o Mercado Municipal, onde se encontra o melhor pescado e produtos hortofrutícolas da região. > Apreciar uma paisagem entrecortada por extensos areais e verdejantes campos agrícolas. > Percorrer as Falésias Calcárias do Cabo Carvoeiro, visitando o geomonumento da Ponta do Trovão.

C

> Percorrer a Rota Natura do Oeste, partindo do Cabo Carvoeiro, em direcção a M sul, passando pelas praias de Supertubos, Consolação e S. Bernardino. > Fazer mergulho num dos melhores spots Y da Europa. > Fazer pesca desportiva num destino de excelência.

CM

MY

> Fazer um passeio na ciclovia entre Peniche e o Baleal, apreciando a paisagem dunar. CY > Passear no Parque Urbano da cidade.

CMY

> Dar uma tacada de golfe e o relaxar de num K dos spa das unidades hoteleiras da região. > Beber uma bebida de final de dia num dos bares de Peniche ou do Baleal. > Divertir-se com animada vida nocturna local.

> Visitar o Cabo Carvoeiro, observando no horizonte a Ilha da Berlenga, eleita Reserva da Biosfera, pela UNESCO, em 2011.

30

31


Informações práticas ContactoS úteis e informações importantes:

COMO CHEGAR:

Telefones de Emergência

De carro:

N.º de Emergência: 112

Assim que sair do Aeroporto irá encontrar uma rotunda com semáforos. Tome a primeira saída à direita (indicação 2ª Circular). Siga as placas de sinalização azuis (direcção A8 Loures/Leiria). Siga por esta auto-estrada durante aproximadamente 73Km até encontrar a saída nº 14 com sinalização IP6 Peniche

Intoxicações/ envenenamentos: (+351) 808 250 143

Polícia e Protecção Civil Polícia de Segurança Pública (PSP): (+351) 262 789 555

Cuidados de Saúde Hospital: (+351) 262 780 900

Equipamento para surfar Aconselha-se um fato 3/2 ou 4/3 mm.

32

Peniche: 80 Km a Norte de Lisboa 50 Km a Sul da Ericeira 270 Km a Sul do Porto


ALojamento & refeições hotéis:

REstaurantes & bares:

SOL PENICHE HOTEL Morada: Estrada do Baleal Localização: Peniche Código Postal: 2520-206 Peniche Tel: (+351) 262 780 400

RESTAURANTE TASCA DO JOEL Rua do Lapadusso, 73 2520-370 Peniche Tel: (+351) 262 782 945

ATLÂNTICO GOLF HOTEL Morada: Casal do Botado Localização: Praia da Consolação Código Postal: 2525-150 Atouguia da Baleia Tel: (+351) 262 757 700 PRAIA D’EL REY MARRIOTT GOLF & BEACH RESORT Avenida D. Inês de Castro nº1 Vale de Janelas - Obidos 2510-451 Portugal Tel: (+351) 262 905 100 HOTEL PINHAL MAR Morado: Estrada Marginal Sul 2520-227 PENICHE - Portugal Tel: (+351) 262 789 349 Tel: (+351) 932 881 150

AMIGOS DO BALEAL Praia Baleal-Ferrel, Peniche Ajuda 2520-000 Leiria Tel: (+351) 262 758 087 MARISQUEIRA BIOMAR Avenida do Mar, 76 2520-205 Peniche Tel: (+351) 262 798 118 RESTAURANTE O PEDRO Avenida do Mar, Nº 26 2520-205 Peniche Tel: (+351) 262 785 626 Tlm: (+351) 919 263 471 RESTAURANTE FEBRAS Casais Baleal 2520-051 FERREL Tel: (+351) 262 769 133

Cortez Tidemaster 2 Peniche Tourist Information Centre Rua Alexandre Herculano 2520-273 Peniche tel: (+351) 262 789 571 turismo@cm-peniche.pt

34

+ informação em www.cm-peniche.pt

s13&130(3"..&%5*%&$)"3548*5)46/3*4&46/4&55*.&4'03#&"$)&4 s5*%&)&*()5%*3&$5*0/3"/(&(3"1)4s/6.&3*$7"-6&'03/&955*%&5*.&3"/(&)&*()5 s.00/1)"4&s'6--%*(*5"-'6/$5*0/4s45"*/-&4445&&-8"5&31300'5&45&%50.

See more at Ripcurl.com


VIsite a Rip CurL STORE EM PENICHE NA PRAIA DOS SUPERTUBOS DE 15 A 24 DE OUTUBRO

Merchandising do evento

36


Guia Oficial Rip Curl Pro Portugal - Peniche 2011