Page 1

Ano 7 | n° 43 | Novembro/ Dezembro 2016

CASA E DECORAÇÃO Tudo para sua casa de praia

DUO SAÚDE

Check up previne doenças

DUO ESPORTE Joinville tem futebol americano

ESPECIAL DE NATAL

PAPAI NOEL O ANO INTEIRO

+3

EDITORIAIS EXCLUSIVOS SOBRE AS TENDÊNCIAS DE MODA EM JOINVILLE


CAlÇADoS, roupAS e ACeSSÓrioS Shopping Mueller Joinville | Joinville - SC

BUENOS AIRES

CANNES

JOHANNESBURG

HOLLYWOOD

LAS VEGAS

NICE

ORLANDO

505 LOJAS - 18 PAÍSES

PUNTA DEL ESTE

RIO DE JANEIRO

SÃO PAULO


@carmensteffens CarmenSteffensOnline

Carmen Steffens


EDITORIAL

Tudo novo, de novo

Toni Furtado Chega o fim do ano e com ele o início de um novo ciclo. Comum é deixarmos o máximo de assuntos resolvidos no ano que se passa, e no ano que chega, novos rumos, novas metas e uma nova chance de escrevermos tudo novo, de novo. Feliz com 2016. Ano de batalhas diárias, de páginas escritas uma a uma e de histórias vividas intensamente. Mas 2017 vem com tudo e a Duo promete ainda mais foco em Joinville e em seus leitores. Para fechar o ano com chave de ouro, preparamos uma edição quente e com muito conteúdo. Na editoria de Casa e Decoração trazemos o movimento das férias, muita praia, sol e mar como inspiração. No caderno de Moda, três

editoriais diferentes e frescos, feitos 100% por talentos de nossa cidade. Para o Natal, contamos histórias de joinvilenses que assumiram o papel do bom velhinho, mesmo fora de épocas natalinas, e passaram o ano fazendo o bem, não importando a quem. Além de matérias especiais sobre saúde, gastronomia, humor, esporte, social e muito mais de Joinville nas páginas da edição de dezembro. Agradeço em nome de toda a equipe a você que acompanhou a Duo no decorrer deste ano. Que divulgou nosso conteúdo, criticou ou elogiou, pois isso é o que nos move. Sucesso em 2017 e que tudo se realize no ano que vai nascer!

DIAGRAMAÇÃO

47 3043 2150 monograma@monogramadesign.com

Márcia Tasca Mario Kutianski Matilde Melo Rafael Lobo Duda Laurentino Yasmim Fassbindr Rosi Blunk Paula Bernardes

EDITORA DE CONTEÚDO Tabata Kadur jornalismo@revistaduo.com.br

FOTOGRAFIA Elaine Theodoro Valéria Grams

JORNALISTAS Ana Paula Padilha

REVISÃO Ana Paula Padilha

COLABORADORES Ademir Moerschbacher Jr Cláudia Petry Drag Conchita Evelize Olimpo Fabíola Bernardes Flávia Sapelini Ju Pamplona Katiane Marta Laura Bona Moll Márcia Campos

DIREÇÃO GERAL Toni Furtado toni@revistaduo.com.br 8423-3934 | 3025-4711

EXPEDIENTE

CAPA Fotografia e tratamento: Vand Rodriguez ( DF studio) Modelo: Samara Faust ( Gas Models) Veste: Clarice moda Rua: Princesa Isabel, 383, Centro www.claricemoda.com.br Jóia: Scheffer Atelier Óculos: Loja Jhope

ANUNCIE EM NOSSA REVISTA! DEPARTAMENTO COMERCIAL toni@revistaduo.com.br contato@revistaduo.com.br


CASA E DECORAÇÃO

12

MODA

19

PAPAI NOEL O ANO INTEIRO

46

LIFE STYLE

53

DUO SAÚDE

82

Yacht Chic

Moda Street

Check up previne doenças

CASES DE SUCESSO Medicina correndo nas veias

100

Foto: Vand Rodriguez

ÍNDICE

Foto: Vand Rodriguez

53

19

YACHT CHIC


PUBLIEDITORIAL

O lugar certo

para morar Ogliari Construtora apresenta mais um empreendimento de destaque! O Residencial Vila Madalena, localizado no bairro Santo Antônio, oferece o que há de mais moderno e atual no ramo imobiliário. Por Tabata Kadur Fotos: Divulgação

J

á faz tempo que viver no centro da cidade não é a opção mais confortável e cômoda. Os bairros que cercam a região central de Joinville, já estão preparados para oferecer uma excelente qualidade de vida aos seus moradores, pois têm infraestrutura suficiente para atender às demandas residenciais da população joinvilense. Um destes bairros, localizado a poucos minutos do centro, é o Santo Antônio. É nessa região que a Construtora Ogliari está construindo seu mais novo empreendimento: o Residencial Vila Madalena. Segundo Pedro Ogliari, sócio proprietário da Ogliari Construtora, o Santo Antônio, além de ser um bairro bem localizado com fácil acesso a vários pontos da cidade, tem diversas opções de comércio e de lazer para os moradores como farmácias, livrarias, bares, diversas opções de gastronomia, quadras de futebol e a presença de Universidade. Ele comenta também que, mesmo estando localizado perto do centro, é um bairro residencial tranquilo, fora do radar da criminalidade de Joinville. O bairro, que é considerado seguro e nobre, faz fronteira com os bairros América, Glória, Saguaçu, Costa e Silva, Bom Retiro e o Distrito Industrial. Entre as principais vias de circulação deste bairro estão a avenida Santos Dumont, rua Dona Francisca, rua Prudente de Morais, rua Blumenau e a rua Dr. João Colin.


RESIDENCIAL VILA MADALENA O Residencial Vila Madalena possui uma arquitetura sofisticada e arrojada, com linhas modernas e diferenciais construtivos, acompanhando as tendências dos grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo. Pedro Ogliari explica que o conceito do empreendimento foi pensado como uma obra de arte, com acabamentos especialmente selecionados para dar um toque final de elegância e charme a cada ambiente projetado, mas a construtora abre espaço para que os apartamentos saiam de acordo com o sonho de seus moradores: “Se o cliente preferir, há flexibilidade na escolha dos materiais utilizados deixando tudo conforme o gosto dele”, afirma. Dentre os diferenciais do residencial, está a área de lazer. A piscina conta com um tratamento de ozônio que evita efeitos indesejados como: cheiro forte, irritação dos olhos, ressecamento da pele e cabelo, além de ter o menor custo de manutenção. O salão de festas será entregue mobiliado e decorado, preparado com espaço gourmet para receber os convidados com todo conforto. Cada apartamento foi projetado com ambientes amplos e plantas flexíveis que se encaixam no perfil de cada família. Todos os apartamentos

possuem t rês dormitórios, sendo uma suíte com sacada. Pensando na privacidade e conforto de seus moradores, o Residencial Vila Madalena possui uma estrutura acústica capaz de eliminar os inconvenientes com ruídos internos e externos. E para quem gosta de reunir os amigos para um churrasco, o empreendimento possui sacada gourmet com churrasqueira em todos os apartamentos, uma ótima opção para receber os convidados em um ambiente aconchegante e familiar.

e confiança. O primeiro empreendimento foi o Residencial Videira, no bairro Iririú. Após oito anos atuando no mercado, a empresa já entregou mais de 100 unidades residenciais e está em seu sexto empreendimento. No ano de 2016, a Ogliari Construtora se inspirou no estilo “cult” do bairro Vila Madalena, de São Paulo, para trazer a Joinville um empreendimento com o alto-astral do bairro paulistano, mantendo sempre a qualidade que é marca registrada da construtora.■

Residencial Vila Madalena: “arquitetura sofisticada e arrojada, com linhas modernas e diferenciais construtivos [...]”

OGLIARI CONSTRUTORA A empresa iniciou as atividades em abril de 2008 com o objetivo de fornecer um produto acessível, mas com qualidade

Conheça o empreendimento na rua Guia Lopes, 42 no bairro Santo Antonio!

OGLIARI CONSTRUTORA

Rua Gen. Andrade Neves, 275 América, Joinville/SC (47) 3425 4655 | 9 9924 4214 | 9 9964 7487 vendas@ogliariconstrutora.com.br www.ogliariconstrutora.com.br /ogliariconstrutora

11


CASA E

DECORAÇÃO


Sua casa de

verão É comum que a junção do fim de ano, férias e a chegada do verão sirva de motivo para reunir a família toda e os amigos na casa de praia. Por isso, fique atento a algumas dicas que podem ajudar na hora de mobiliar, decorar ou planejar o conforto para a época de calor.

Laura Bona Moll Fotos: Banco de imagens

O

verão está chegando e com ele começam as férias, o calor e a vontade de aproveitar ao máximo. Muitas pessoas escolhem passar a temporada na praia e investem em um imóvel para usufruir as semanas de descanso. Se preocupar com os cuidados do local e com a decoração pode fazer toda a diferença durante essa época do ano. A funcionalidade e a praticidade do espaço são essenciais na hora do planejamento. A designer de interiores Susane Raiter explica que é importante saber como cada local será utilizado. “Um dos pontos primordiais é prever a entrada e a saída das pessoas que irão à praia e

retornarão molhadas”, conta. Outro aspecto fundamental é saber com qual frequência se recebe visitas e quantas pessoas frequentam a casa, para que os espaços comportem todas as atividades previstas pelos moradores do local. Principalmente nas festas de final de ano, as casas de praia costumam ser ponto de encontro de famílias e amigos. A designer fala que uma solução possível quando há necessidade de abrigar muitas pessoas em um espaço pequeno é utilizar camas que podem ser recolhidas em painéis fixos à parede. Ela também indica bancos multifuncionais que em um momento sirva de assento e em

13


CASA E

DECORAÇÃO

“[...] quanto mais verde e sombreado for o jardim, mais fresca será a casa” outro, sejam um apoio necessário em outro cômodo, como um criadomudo no quarto, por exemplo. Susane explica que o ideal é possibilitar a ventilação natural cruzada da casa, com aberturas posicionadas no sentido dos ventos da localidade. “Outro aspecto primordial é localizar grandes aberturas envidraçadas nas faces de menor incidência solar, como a face sul, evitando a entrada excessiva de calor”, afirma. Sobre a decoração praiana, a designer conta que houve uma época em que era bastante figurativa, com motivos praianos em evidência. Já hoje em dia, as características de praia são colocadas de maneira mais discreta, como na paleta de cores e na escolha dos materiais naturais. Ela conta que de maneira geral, o estilo mais utilizado é o contemporâneo com algum toque de rusticidade (como o uso de madeira e pedras naturais). E nas casas de praia utilizadas durante

todas as estações, a tendência é que ela seja mais aconchegante e “aquecida” pelo uso de lareiras e cores mais quentes (como o vermelho e o marrom). Já para a parte externa da casa, Susane indica o uso de espécies de plantas da própria localidade, que já são acostumadas com as condições climáticas, como a incidência de ventos, insolação e chuva. Como qualquer jardim, para que fique mais bonito, ela afirma que é fundamental fazer a manutenção constante, como podas e adubação. “Uma dica super importante é evitar o uso de grandes áreas com brita, piso cerâmico ou deck, que contribuem para o aquecimento do espaço. Em todos os casos, quanto mais verde e sombreado for o jardim, mais fresca será a casa”, explica. As possibilidades de decoração são enormes, e junto com os cuidados e manutenção da casa, a estação mais quente do ano poderá ser muito bem aproveitada! ■

“[...] o estilo mais utilizado é o contemporâneo com algum toque de rusticidade (como o uso de madeira e pedras naturais)”

14


ETIQUETA DO LAR Evelize Olimpo

organizada

Nada melhor que passar a temporada de verão em uma casa na praia limpinha e organizada para você descansar tranquilamente. Siga algumas dicas para te ajudar nessa tarefa!

C

om cheirinho de férias, o final do ano vem se aproximando. Praia, sol, piscina, família, viajar, passear, amigos e tudo aquilo que você desejou durante todo o ano. E para tudo ficar ainda mais perfeito, nada melhor do que ter (ou alugar) uma casa na praia limpinha e organizada para você descansar tranquilamente, não é mesmo? Vamos combinar, não é porque é casa da praia que a organização merece ser deixada de lado. Este negócio de que casa de praia não tem dono e que pode ir entrando levando areia e largando coisas para todos os cantos é coisa do passado. Afinal, o uso da

casa é também para descanso e não para passar o dia limpando e juntando coisas. Para deixá-la em ordem durante suas férias, siga estas dicas simples e que prometem fazer a diferença: •Abra sempre a casa e todos os armários para ventilar. Importante manter os cômodos arejados para evitar proliferação de mofo e odor desagradável. •Lave todas as roupas de cama antes do uso. Embora tenham ficado limpas desde a última temporada, o tempo que permaneceu fechada, faz com que microorganismos indesejados circulem pelo ambiente. •Faça uma lista com todos os

pertences que precisará ter durante sua estadia para não esquecer de nada. Incluindo protetor solar, materiais de limpeza, alimentos, entre outros. •Na falta de armários, adquira cestos para organizar pertences. Assim, você consegue separar e organizar as categorias de roupas e demais itens pela casa. •Para pendurar itens de praia, brinquedos e bicicletas, utilize penduradores de parede. Assim, as peças ficam organizadas e libera espaço do chão para armazenar outras coisas ou até para melhorar a passagem das pessoas. •Para umidade, uma dica econômica é fazer saquinhos com pedaços de giz embrulhados em tule. O giz tem uma função muito importante, que é puxar a umidade sem soltar água. •Por último e não menos importante, uma dica valiosa para manter a casa em ordem: faça um cronograma de realização de tarefas pelos habitantes da casa, ou seja, quem é responsável pelo que. Assim, todos trabalharão sem sobrecarregar uma pessoa só. Tudo pronto? Então é só ficar de pernas para o ar! ■

Foto: Banco de Imagens

Casa de praia


EDITORIAL CLARICE MODA APRESENTA

BELEZA AO MAR Fotografia e Tratamento de imagem: Vand Rodriguez | Beleza: Alexandre Simas ClĂ­nica de Beleza Modelo: Samara Faust ( Gas Models) | Agradecimentos: Clivanda Tomio


LOOK COMPLETO CLARICE MODA


LOOK COMPLETO CLARICE MODA


LOOK COMPLETO CLARICE MODA


ONDE ENCONTRAR:

Clarice Moda Rua Princesa Isabel n0 383, centro Fone: 3433 8274


PUBLIEDITORIAL

Construindo sonhos

A construtora Mega Brasil está no mercado há dez anos construindo e entregando os melhores edifícios da região norte. Por Ana Paula Padilha Fotos: Valéria Grams

C

onquistar um apartamento é muito mais do que comprar um lugar para morar. É atender às suas necessidades, ter um lugar com a sua cara e seus gostos em cada cantinho da decoração. É receber os amigos, é ter onde formar uma família e criar os filhos. Um apartamento é um sonho para muita gente, e todos os sonhos, por mais alto que cheguem, precisam de um alicerce firme. É com esse espírito que a Mega Brasil Construtora está no mercado desde 2006 construindo edifícios primorosos e entregando imóveis de qualidade para seus clientes. A construtora que já entregou 112 unidades habitacionais surgiu

24

da experiência de Gerson Souza, que desde 2000 trabalha na área da construção civil e vem acompanhando de perto as mudanças e principais características do mercado. Quatro anos [...] mais tarde, Gerson resolveu investir na sua ideia e abriu as portas da Mega Brasil. Pouco tempo depois, a esposa Vanessa Sawulsky Souza, que trabalhava como funcionária pública, se juntou a ele no negócio. “Ela entrou na empresa para somar. Temos o mesmo objetivo, a mesma visão de negócios, trabalhamos lado a lado

e temos a mesma ideia de atender extremamente bem os nossos clientes”, conta o empresário. No momento, 59 imóveis estão sendo construídos na zona de norte de Joinville pelas mãos de Gerson, literalmente. Isso, porque o profissional faz questão de participar de cada detalhe dos empreendimentos que realiza, desde a ideia do projeto, até a entrega da chaves. “Eu faço questão de estar diariamente acompanhando cada detalhe da obra e pensando em como evoluir ou aperfeiçoar nos

no mercado desde 2006 construindo edifícios primorosos e entregando imóveis de qualidade.


BELLA FIORI:

“Imponente, sofistiticado e elegante”

mínimos detalhes. Eu e a Vanessa sempre estamos a par de tudo que está acontecendo, por isso os clientes sabem que podem contar conosco”, explica orgulhoso. O casal de empresários, que está junto há 18 anos, preza tanto pelo comprometimento com o resultado do trabalho entregue, que optou por não ter um escritório fixo, e sim, atender pessoalmente seus clientes no empreendimento que estiver em construção. “Como construímos um residencial por vez, montamos o nosso escritório na própria obra. Isso nos torna acessíveis aos nossos clientes e podemos acompanhar de perto tudo que acontece”, defende Vanessa que complementa: “sempre penso em fazer para o público, o que gostaria que fizessem por mim. Às vezes nos pedem para resolver coisas que não são nossas obrigações, mas o pós-venda é o melhor momento para garantir a satisfação de quem comprou conosco”, argumenta.

BELLA FIORI Imponente, sofistiticado e elegante. O residencial trabalhado em vidro, tons de preto e chumbo

chama atenção de quem passa pela rua Tangará onde está localizado, no número 90, no Iririú. Planejado e construído para, além de encher os olhos, ser funcional e sofisticado, o Bella Fiori atende desde o público solteiro até as famílias que querem quartos para os filhos. E não é para menos. Na fase final da construção, o residencial será entregue quase um ano antes da promessa inicial. Isso se deve a qualidade dos profissionais envolvidos na obra e pela gerência constante do casal dono da construtora. “Nos prometemos só para julho de 2017 e já vamos inaugurar o Bella Fiori agora em outubro porque trabalhamos focados em fazer o nosso melhor e acredito que esse seja um grande ponto positivo”, garante Gerson. O apartamento decorado do Residencial Bella Fiori já está disponível para visitação e é um paraíso à parte para os amantes de tendências modernas e exclusivas. Cada detalhe foi planejado e pensado para aproveitar cada cantinho do imóvel e proporcionar uma experiência de extremo conforto e singularidade ao morador. ■

MEGA BRASIL

www.megabrasilconstrutora.com.br (47) 3043-4333

25


DUO BENTEC

Requinte Marítimo A Bentec Concept desenvolveu um projeto com tema mar e viagem para o apartamento de um casal que busca todo o conforto que o mundo afora proporciona em suas viagens. Por Bentec Concept Designer de Interiores: Daiane Nagorski Foto: Valéria Grams

A

o adquirir um novo apartamento para a família, um jovem casal solicitou um projeto que atendesse todas as suas necessidades e que conseguisse transmitir a sua essência. Este projeto foi desenvolvido pelo

núcleo de criação da Bentec Concept Store Joinville. Traz aconchego com uma decoração pensada para unir o gosto refinado que transita entre o clássico e o moderno. A inspiração para a residência nasceu nas embarcações, praias

e viagens que são os hobbies da família. Predominância de linhas retas, cores neutras e tons amadeirados são a base do projeto. Algumas cores são pontuadas como: azul que remete ao mar, o vermelho e o amarelo.


LIVING Recebe um bom home theater com poltronas e sofás que acolhem a família para apreciar um bom filme e ouvir uma boa música assim como nos dias mais amenos são aquecidos pela lareira. A parte do jantar recebeu uma mesa em mármore bisotada com um lustre de cristal que traz leveza ao ambiente. Cristaleira em reflecta fumê com iluminação interna e buffet e mármore iluminado.

COZINHA Recebeu azulejo português, painéis de madeira que lembram o convés de um navio e todo o fechamento dos acessos ao ambiente receberam portas de passagem suspensa com espelho fumê. Foi desenvolvido um canto aconchegante para as refeições, assim como a mesa e os módulos superiores que mantém a mesma linguagem no quesito cores.

CHURRASQUEIRA Todas as frentes receberam espelho fumê com acabamento em perfil na cor preto.

27


BRINQUEDOTECA Com muita funcionalidade é um espaço para toda a família. Temos um sofá que pode ser cama, além da cama auxiliar na parte inferior, disposição de nichos com placas coloridas para apoio de brinquedos e decoração, assim como no painel da tv. Na parte inferior o móvel serve de apoio para os eletrônicos e assento para as crianças fazerem suas tarefas e brincar.

SUÍTE MÁSTER Predominância de conforto é a palavra chave do ambiente, que traz os ripados e os estofados no painel da cabeceira. O ambiente é dividido por roupeiros com vidros em placas aplicadas ao redor. Há ainda o destaque para uma moderna penteadeira.

QUARTO DAS GÊMEAS Tendo como temática uma decoração mais clássica e pontuada, o quarto é composto por dois berços, e no centro uma cômoda que serve como trocador. A poltrona de amamentação e a mesa de apoio lateral são essenciais para o cuidado com as meninas.

QUARTO DO FILHO O destaque é o ripado iluminado do teto da cama em balanço, que lembra a cabine de descanso de um navio.■

ONDE ENCONTRAR: Rua Alameda Rolf Colin, 109 – Salas 16 e 17. 47 30272323 / 47 3027 4343

28


PUBLIEDITORIAL

Um novo conceito

de saúde Zanella Purificadores uma solução para consumo de água purificada, mineralizada, livre de bactérias e alcalinizada! Por Ana Paula Padilha Fotos: Elaine Theodoro e Banco de Imagens

C

om as portas abertas em Joinville desde abril de 2016, a Zanella Purificadores, sob o comando de Marcos Zanella e Michele Cardoso, traz o design e funcionalidade da marca Top Life, que garante muito mais do que água filtrada ao consumidor,

30

oferecendo também o tratamento de água alcalina. Marcos que é especializado em filtros de água desde 1993 faz questão de explicar a cada cliente o potencial de cada produto vendido em sua loja. “Nosso atendimento é exclusivo. É possível agendar uma visita que nós vamos até o

cliente entender o que é preciso no seu ambiente e oferecer o melhor produto para a sua necessidade”, explica Marcos. O carro-chefe do negócio é o Health Energy, purificador que transforma a água que sai da torneira do consumidor em alcalina, que traz muito mais benefícios


à saúde do que a água comum ou até mesmo a mineral, comprada em garrafinhas.

ÁGUA ALCALINA

A qualidade da água é determinada pela quantidade e dos minerais que ela contém. É essencial para o corpo manter um pH no sangue entre 7,35 e 7,45 para estarmos saudáveis. A água com o pH acima de 7 tem sido apontada como uma forma de hidratação que promete dar um choque de saúde ao organismo. Em resumo, a água considerada alcalina é a que tem o potencial hidrogeniônico, o chamado PH, entre 7.1 e 9.5. Mas por que beber água alcalina? A água alcalina quando consumida regularmente, ajuda no controle de peso, está associada com uma rápida hidratação, acelera a restauração do sistema imunológico, remove toxinas do corpo, melhora absorção dos nutrientes e auxilia no bem estar e qualidade de vida.

O produto responsável por deixar a água com PH alcalino acima de 8,5 e antioxidante, trazendo todos os benefícios citados acima, é o purificador Platinum Health Energy. “Conforme pesquisas, esse produto oferece a tecnologia Top Ion Alkaline, que tem como principal função, ajudar a combater os radicais livres que são a causa do envelhecimento”.

PURIFICADORES E FILTROS PARA TODOS OS GOSTOS

Além do purificadores que proporcionam água alcalina, a loja oferece também a linha de produtos de filtros de entrada, torneira, caixa d’água, filtros de bebedouros, bebedouros privativo e industrial e refil de todas as marcas de filtros. “Nós trabalhamos prezando pela saúde e a qualidade da água. Nossos purificadores são certificados pelo INMETRO com eficácia bacteriológica zelando pela saúde de toda a sua família”, garante.

5 ETAPAS DE FILTRAGEM DA ÁGUA Saiba como funciona o processo de eliminação de impurezas da água por meio da filtragem da água: •Filtragem com polipropileno de 25 micra onde fará a retenção de partículas (areia, barro, ferrugem, limo etc.) •Desinfecção com zeolife, um material natural com efeito bactericida eliminando vírus e bactérias e removendo também os metais pesados. •Purificação com carvão ativado reduzindo o cloro e outras substâncias químicas. •Purificação com carvão ativado com prata coloidal que proporcionará a propriedade da prata para inibir uma eventual contaminação por bactérias como a Escherichia Coli (Cistite). •Filtragem com polipropileno de 25 micra novamente para garantir a pureza e eficiência no sistema de purificação.■

ZANELLA PURIFICADORES Av. Coronel Procópio Gomes 121, Bucarein, Joinvillle - SC 47 30280404 | 47 996285667 comercial.zanella@gmail.com Acesse também: www.zanellafiltrosdeagua.com /zanellapurificadores.filtros

31


DUO HUMOR

Ou seria melhor inimigo indiscreto? Que tal a gente tentar prever como deve ser o evento mais esperado de todas as famĂ­lias e, de quebra, receber dicas finĂ­ssimas para sobreviver a este evento penoso? Por Drag Conchita* Fotos: Banco de Imagens

32


O

i pessoas, tudo bem? Gente que babado! Já chegamos em mais uma edição de fim de ano da Revista Duo. Até parece coisa de gente antiga, o que não é o meu caso, né? Mas é verdade! 2016 foi algo do tipo Blupt! Já passou e mais uma vez estamos no momento Simone do ano (Então é nataaaaal, e o que você feeeez...) Então é Natal, mas antes de você fazer a penosa depressiva e se jogar na frente da televisão para assistir o especial quase inédito do Robertão. Sempre rola aquele dispensável amigo secreto, que na minha opinião, deveria se chamar inimigo indiscreto, isso sim. Não? São tantos amigos ocultos diferentes, que haja paciência e dinheiro na conta! Só de pensar eu fico tão interessada... Nem tanto, nem tanto! É minha gente, tem amigo secreto do trabalho, da academia, dos amigos, dos boys magia, dos crush, da escola... Uffa! E para encerrar ainda tem o bendito tumultuoso amigo secreto da família, que nunca pode faltar. É aquele que tua mãe obriga você a participar dizendo que no ano que vem seu avô pode não estar mais lá! Lembra? A não, né, você estava muito fora de si naquele dia, mas vamos deixar isso para lá, afinal é como dizia a Magda: “Águas passadas não mordem maminhas”. Você, a ovelha colorida antissocial da família, sempre bem resolvida e questionadora, solta um empolgante e longo, ok! Mesmo sabendo que a lei do “Smurf” (Na, na, na, na, na, na, na, na) vai fazer aquela tia pão dura te pegar. Prepare-se: Lá vem um

jogo de sabonete, uma cueca ou calcinha verde-limão, ou até um anjinho de R$ 1,99 que você adora, só que não! Bom, já que você foi obrigada a entrar nesta “aventura” é bom encarar o desafio. Não dá para desistir, meu bem, até porque se um cai fora, ninguém mais vai querer participar. E eis que chegou a hora de você pegar o tinhoso papelzinho. Você coloca a mão no saco do amigo... secreto, sua perturbada, e torce para não pegar aquela prima que você odeia por ter roubado seu boy magia. E para sua surpresa, a lei de “Smurf” volta a atacar e faz você pegar aquela tinha obesa fofoqueira que no ano passado te deu um enxoval do tempo que ela era solteira, no século passado. Papelote sorteado é hora de ir às compras escolher o bendito presente. Nesta hora sempre é bom lembrar o que esta pessoa deu de presente ao seu amigo oculto no ano passado. Se ela é toda tupperware, anjinhos de cerâmica ou tapetes medonhos para sua cozinha, você precisa fazer a maldita e gastar o mínimo possível. Nada de querer fazer a fina nesta hora, não vale a pena! Capriche na lembrancinha do camelô. Que tal fazer de conta que é vintage e comprar uma fita cassete? Ou então você pode passar aquele gato de porcelana horrendo que você ganhou de herança da sua bisavó. Ah, e agora uma das melhores recomendações: aproveita para passar para frente aquela pochete medonha que você ganhou do tio Tobias no ano passado. Mas preste atenção!

São tantos amigos ocultos diferentes, que haja paciência e dinheiro na conta!

Neste momento é hora de você fazer a linha, portanto não te esqueças de trocar a embalagem, faça uma no estilo brega-chique. Pode ser uma tendência. Nesta hora uma dica que pode deixar a brincadeira bem mais animada, só que não, é usar várias caixas, de tamanhos diferentes para que seu amigo indiscreto se sinta abrindo uma bonequinha Matrioska. Não sabe o que é isso, então pesquise em nosso oráculo, mais conhecido como Google. Mas pelo amor da nossa senhora do pancake, não dê um vale presente. Ninguém merece um vale presente, nem mesmo a parentada uow! Amigo sorteado, presente definindo, é hora de ir a tão esperada festa da família. Agora é a hora de ver tia lésbica, o primo gay, a cunhada gorda macumbeira (adoro)... A agente sabe que você não vai querer abraçar toda esta gente e sair da festa com cheiro de naftalina, né, então fique ligada. Um truque é dizer que está uma gripe muito forte, que não pode abraçar as pessoas e precisa usar uma máscara na boca. Está dica sempre funciona! Bom, o local da revelação deve ser a casa da avó, né, então já sabe que é melhor não levar o namorado e evitar aquelas piadinhas e perguntas indiscretas do tipo, quando você vai casar, você ainda gosta de meninas etc. Na dúvida faça como eu, joga um #CuidaDaSuaVida. Duas horas depois da hora marcada para começar a festa, é hora de revelar o amigo secreto. Mais um ritual daqueles fantásticos, algo do tipo show da Madonna, jura né! Tudo vai começar e a revelação precisa ser suspensa, porque aquele genro que tem a Brasília que está vindo de Balneário Barra do Sul,

33


ainda não chegou. O jeito é ficar de olho no piru, que está no forno. Você já sabe que aquilo vai te dar azia, e constipação, mas o cheirinho tá bom, então seja o que tiver de ser! Se você não tiver peru, pode ser uma galinha ou até mesmo um pintinho, dependendo das suas condições! Muito franca! Enquanto o genro não vem, que tal abrir um champanhe, ou um espumante, no seu caso cidra. Nesta hora, sempre vale aquele vídeo para você postar em suas redes sociais com a fala, “Vocês achavam que eu estava na pior, se isso é estar na pior, e mostrar aquelas bolinhas, num copo de requeijão, ou no cristal cica, afinal você e prática e moderna, preocupada com o meio ambiente e faz questão de utilizar estas embalagens reaproveitadas, não é verdade? Penosa. Muito bem, todos os presentes, e a gentarada esperada já chegaram e então, depois de

algumas biritas, chega a hora da mais aterradora fase do amigo oculto: a revelação. Toda esta história de fim de ano, amigo secreto me fez lembrar de um causo. Isso já faz algum tempo, e da época que eu era novinha, se bem que ainda sou né. Enfim. Certa vez eu estava com uma maré de sorte, e no amigo secreto dos boys-magia ganhei um presente que mexeu comigo por dentro, sabe. Tô falando que mexeu no meu coração, palhaça! Meninas e meninos isso aconteceu em 199... deixa pra lá. Tudo começou quando fui colocar a mão no saco do Joseval, menina fiquei tão nervosa. Pequei uma bichinha recalcada, que entrou de bicão na brincadeira. Mas tudo bem, até aí eu consegui relevar, ainda mais quando descobri quem ia me dar uns pegas, ou melhor, quem me pegou. Quem, quem, quem? Nada mais nada menos do o Negão da Borracharia. (Aqui vamos abrir um parêntese. Não foi o Negão da

Borracharia que foi candidato a vereador, certa vez. Foi o Negão gogo-boy borracheiro aqui do bairro onde eu moro, no Ameri..., Americ.. Améric... Jardim Edinele. #CuidaDaSuaVida). Enfim, eu sei que o negão me pegou, ele me deu de presente uma lingerie belíssima e importada, gente. Veio diretamente do Paraguai. Mesmo gostando, e acho que ele queria me fazer, me fazer sentir especial, eu não me contive e disparei um “Que é isso, me respeita, sou uma Drag de Família! Ai gente não sou obrigada!”, mas deixa isso pra lá. Já no fim da noite, ele me recompensou bem. Mas não quero propagar minhas intimidades aqui né. Vai que eu fico mal falada? Bom gente, é isso, desejo um ótimo amigo secreto para vocês e um fim de ano purpurinado, e já sabe se a festa tiver uow é só um telefone, me liga, que vamos fazer seu evento se tornar uma festa inesquecível! Um beijo e até 2017.■

*Drag Conchita é jornalista, animadora, produtora cultural e maquiadora. Atriz performática que há 12 anos trabalha com telegramas animados em casamentos, chás, despedidas de solteiros, festas, formaturas, eventos corporativos e caracterizações, além de shows em boates de todo o Sul e Sudeste do Brasil. Contatos: E-mail: dragconchita@gmail.com Skype: DragConchita Twitter: @dragconchita Facebook: Drag Conchita Pradinha e Drag Conchita Eventos Youtube: youtube.com/dragconchita Concha’s fone: 47/9 8873-9960 e 47/9 9615-1260 “Porque se a vida é uma festa, com a Drag Conchita ela se torna inesquecível!”

34


anĂşncio Elaine Fotografia


PUBLIEDITORIAL

DOCES SURPRESAS Há pouco mais de um ano em Joinville, a Sodiê Doces é considerada a maior franquia especializada em bolos artesanais do país. A Revista Duo conversou com os proprietários da franquia joinvilense que contaram um pouquinho da proposta da confeitaria. Por Tabata Kadur Fotos: Valéria Grams

A

Sodiê começou há vinte anos atrás, com a produção informal de bolos de Cleusa Maria da Silva. O retorno dos clientes começou a aumentar e foi como funcionária de uma empresa que veio a oportunidade. A mulher do patrão fazia bolos para fora e, quando teve um problema de saúde, pediu para Cleusa ajudá-la, até que acabou por parar com a venda de bolos e deixou que a funcionária continuasse o negócio. Foi então que Cleusa colocou a mão na massa e deu o nome de Sodiê a sua empresa, uma união dos nomes Sofia e Diego, seus filhos. Vinte anos depois, a empresa conta com 270 lojas espalhadas pelo Brasil.

36

Aqui na terra dos príncipes, quem comanda hoje a Sodiê Doces é o casal Thiago e Luciana Haddad, nascidos em Assis, São Paulo. Ela é enfermeira e atuava na área da saúde. Ele trabalhava com pavimentação e tudo mudou de figura no ano passado, quando se casaram, e por ironia do destino, perderam seus empregos. Diante do momento turbulento, surgiu no casal, a vontade de ter uma franquia. Como Luciana veio trabalhar por um período no Paraná, apareceu a oportunidade de assumir a franquia de Joinville, sendo assim a nova direção da unidade desde junho deste ano. “Isso é legal para mostrar para as pessoas que não é impossível mudar de área, se dedicar a

um novo negócio e fazer bem feito”, pondera Luciana. Thiago explica que toda a dedicação do casal está voltada para a Sodiê, franquia pioneira em Santa Catarina. A qualidade é um ponto exigido pela rede Sodiê. Tudo é padronizado, desde os ingredientes que devem ser utilizados, até o custo dos produtos em cada loja. Não é possível alterar nada sem permissão da franquia, então isso é bacana, porque mantém um padrão de qualidade. Entretanto, o proprietário Thiago garante que por mais que o negócio seja uma franquia, isso não impede de oferecer um atendimento exclusivo ao cliente. “A franquia serve para nos dar suporte e consultorias de produção e financeira, fazer a


coisa funcionar da melhor maneira, só depende de nós”, explica. A Sodiê em outras cidades é reconhecida por fornecer os doces em confraternizações ou eventos, sejam aniversários, batizados, café corporativos ou mesmo casamentos. “A ideia é mais ou menos essa: chame seus convidados e se depender dos doces, garantimos o sucesso”, completa Luciana. Por outro lado, o casal está trabalhando para mostrar para o público joinvilense que, embora seja uma franquia e esses padrões de

“Às vezes as pessoas acham que por ser franquia os bolos são congelados, mas não, eles são feitos por aqui”, qualidade precisem ser seguidos, os bolos não são congelados. Muito pelo contrário, todos os bolos e tortas são produzidos diariamente na loja pelas mãos de duas confeiteiras. “Todos os nossos bolos são fabricados por nós, massa, recheio e cobertura. “Às vezes as pessoas acham que por ser franquia os bolos são congelados, mas não, eles são feitos por aqui”, explica Luciana que avisa também que nenhum bolo fica para o dia seguinte. “Só vendemos bolos frescos”, completa.

Personalizar também é possível. Seja para comer na loja ou para encomendas. O cliente tem a liberdade de escolher o tamanho exato que deseja comer, não existe uma fatia padrão. Da mesma forma, o cliente pode solicitar a troca dos ingredientes do bolo que deseja encomendar ou ainda mudar o formato. A Sodiê utiliza exclusivamente chocolates Nestlé em suas receitas e segue outras premissas da marca, como a preparação de um bolo em cerca de 20 minutos apenas. Por fim, vale lembrar que a garota propaganda da marca é ninguém menos do que Ana Maria Braga, apresentadora do Mais Você! Mas ao contrário do que se pensa, ela não é dona da franquia, é apenas garota propaganda porque reconhece a qualidade dos bolos e confiou sua imagem à Sodiê. Além disso, os bolos têm preços acessíveis, até porque o cliente é quem decide o tamanho do bolo. “Gostaríamos que associassem a Ana Maria Braga não aos preços, mas sim à qualidade”, diz Luciana.■ Diferenciais ●Agilidade na encomenda ●Bolos feitos sob medida para o cliente ●Bolo feito no dia ●Bolos frescos ●Estacionamento ●Entrega

SODIÊ DOCES

Horário de funcionamento: Seg. a Sab. das 9h à 19h | Domingo HORÁRIO DE VERÃO das 15h às 19h | Domingo Horário Comum das 14h às 18h | Feriados sob consulta Rua Doutor João Colin, 662 CEP 89204-001 Centro - Joinville - SC joinville@sodiedoces.com.br (47) 3278-8555

37


DUO SABORES

A origem da

Ceia de Natal É tempo de festas e comemorações. Além da tradicional árvore e dos presentes, a ceia de natal é um dos momentos mais esperados por todos. Mas, como começou a tradição da mesa farta e dos típicos pratos natalinos? Por Tabata Kadur Fotos: Banco de imagens e Divulgação

A

s especulações sobre a verdadeira origem da ceia de natal são muitas e de diferentes interpretações. O que se sabe ao certo é que o formato que a celebramos hoje é um apanhado de diversas culturas e países, mas principalmente a influência de nossa colonização europeia. De acordo com a literatura, o antigo costume europeu de receber viajantes e peregrinos em suas casas nas noites de natal, é que originou a fartura de alimentos e bebidas, para celebrar em comunhão o nascimento de Jesus Cristo. As famílias hospedeiras deixavam as portas de suas casas abertas e recebiam visitantes para confraternizar a data tão

38

significativa para os cristãos. Essa tradição foi se espalhando pelo mundo e cada região acrescentou uma particularidade local e gastronômica, como por exemplo, a inserção do peru na ceia norte-americana, prato tradicionalmente servido no Dia de Ação de Graças. Essa tradição logo passou a fazer parte dos costumes de outros países, como no Brasil. Outros alimentos tradicionais do natal são as frutas secas, as nozes, e o panetone. Este foi criado na Itália, mas não se sabe exatamente sua procedência. De acordo com uma das versões, um padeiro de Milão chamado Toni, em aproximadamente 900 d.C., fez um pão e misturou nele alguns ingredientes como frutas secas e

nozes. Esse pão fez muito sucesso e ficou conhecido como “pane di Toni” (pão do Toni). Aqui no Brasil, a ceia também é composta por algumas contribuições portuguesas como rabanada e o bolinho de bacalhau. Mas nem tudo veio de fora do país. O salpicão é um prato que nasceu no Brasil e entre as diversas variações, os ingredientes que basicamente o compõe são maionese, cenoura, batata, pimentões, carne de frango ou peru e salsão, além de frutas como abacaxi, cereja, maçã e uva passa. Além de todas as iguarias e pratos já mencionados, em nossas ceias estão presentes peixes e frutos do mar, como o Bacalhau, carnes diversas como chester, tender e cortes de carne vermelha.


Farofas, pratos de frutas variadas, saladas e inúmeros tipos de sobremesa, de acordo com sabores e tradições de cada região do Brasil. Independente do tamanho e variedade da ceia, é certo que a celebração de natal envolve muitas tradições e é o momento de reunir a família e amigos queridos para comemorar o amor e o nascimento de Jesus. Algumas famílias reservam para a noite natalina, suas receitas “secretas” ou que passaram de geração em geração, outras preferem a comodidade de ceias encomendadas, e até mesmo jantares em restaurantes especializados. Seja qual for a sua escolha, um feliz e apetitoso natal!■

Em Joinville algumas casas oferecem encomendas, assim como servem ceias de natal no dia 24 de dezembro. Conheça boas opções, seus menus e variedades.

JARDIM AMELIE – LA DÉLICATESSE O restaurante que já virou queridinho dos joinvilenses pelo carisma e delicadeza, oferece encomenda de ceias, a partir de quatro pessoas. Os pedidos poderão ser feitos até dia 18/12, e a ceia retirada no local, dia 24/12 das 9h às 13h. As ceias são limitas, aproveite para fazer sua reserva. O cardápio contará com carnes especiais como peru tropical, mignon e salmão. Como acompanhamentos: lasanhas de bacalhau, salmão ou camarão; quiches de 15 porções e individual em diversos sabores; farofa natalina, cuscuz tropical, arroz à grega, salpicão de frango, salpicão vegano e maionese. Para sobremesas, Torta de chocolate e castanhas, charlotte de frutas vermelhas, cheesecake trufado de vinho e mousse de kinder.

INFORMAÇÕES:

Rua Pernambuco, 241 | (47) 3432-5984 | jardimamelie@yahoo.com.br

39


BISTROT MAMMA LU Como já é tradição, o Chef Fábio Espinosa do Bistrot Mamma Lu, todo natal oferece um vasto menu de ceias para encomendas. De entradas e acompanhamentos como ceviches, farofas, cuscuz, molhos, até pratos prontos como cordeiro, bacalhau, mignon, polvo e camarões. O menu é disposto em várias opções e o cliente pode comprar individualmente cada item e na quantidade necessária. Para grupos acima de seis pessoas o chef oferece condições especiais na montagem de menus. As encomendas de ceia podem ser feitas até dia 22/12 às 22h e a retirada acontecerá dia 24/12 entre 16h e 20h no próprio Bistrot. O grande atrativo deste ano, é que, além das ceias por encomenda, a casa também abrirá para o jantar (mediante reserva) no dia 24/12 a partir das 20hs, servindo um menu degustação de seis pratos inspirados no natal.

INFORMAÇÕES:

(47) 3439-3050 | (47) 98892-9210 | chef_fabioespinosa@hotmail.com

CHEF ADEMIR JR. Para quem gosta de praticidade em suas ceias de natal e réveillon, o personal chef Ademir Jr. oferece encomendas de ceia ou o serviço de chef diretamente em sua casa. Com opções de buffets, finger food ou pratos únicos, tudo é entregue em sua residência. Ou ainda pode-se contratar o serviço em sua casa, onde o chef prepara a ceia, serve e disponibiliza as louças para o buffet, além de contar com equipe de garçons. Os pacotes de ceia iniciam com o investimento de R$80,00 por pessoa. Para encomendas, o mínimo é de 10 convidados, e para o serviço de personal chef, 20 convidados. Os pedidos podem ser feitos até o dia 22/12 e orçamento para personal chef, até dia 20/12.

INFORMAÇÕES:

Chef Ademir Jr. | (47)99611-3571 | ademirmoerschjr@gmail.com

40


GASTRONOMIA Chef Rafael Lobo

Menu de hoje:

ceia de natal D

e acordo com as tradições cristãs, o natal é a data em que celebramos o nascimento de Jesus Cristo com a tradicional ceia que acontece de diversas maneiras pelo mundo. Cada país come um diferente tipo de comida, realiza a ceia de uma maneira e em datas diferentes, mas sempre com o mesmo significado. Segundo a literatura, a ceia de natal originou-se do antigo costume europeu de deixar as portas das casas abertas no dia de Natal para receber viajantes e peregrinos, e esses, juntamente com a família que hospedavam, confraternizavam aquela data tão significativa para os cristãos. Para essa comemoração era preparada bastante comida, composta por diversos pratos. Essa tradição foi se espalhando pelo mundo e cada região acrescentando uma particularidade local, como, por exemplo, a adição

Fotos: Banco de Imagens

A atração principal das festas de fim de ano, costuma ser a ceia de natal e para preparar o cardápio, não se esqueça de investir também nos acompanhamentos.

do peru na ceia norte-americana, peculiaridade que logo passou a fazer parte dos costumes de outros países,como no Brasil. Por aqui, a ceia de natal é bastante variada por ser um país grande, que possui muitos estados. Peru, Chester e Tender são as grandes atrações, que aparecem nessa época do ano, tendo como acompanhamento: • Arroz com frutas secas e amendoas; •Farofas elaboradas; •Castanhas, amendoas, nozes, damasco; •Salada Tropical; •Frutas (em especial as exclusivas do território brasileiro); •Pratos feito com Bacalhau (cultura portuguesa); •Rabanada; •Vinhos e Champagne. Aproveite as dicas e boas festas! ■

43


BEBIDAS Mario Kutianski

Um brinde ao Foto: Banco de Imagens e Divulgação

verão! Nesta edição vamos dar ótimas dicas de espumantes para você se impressionar!

O

verão está chegando, e com ele o calor, os dias mais longos, as festas de final de ano e as férias. Nesta época, o consumo de espumantes aumenta em todo o país. Embora seja cada vez mais consumido ao longo do ano, o vinho borbulhante tem a cara do verão. É uma bebida alegre, refrescante, e que acompanha bem qualquer tipo de comida. Mais um bom motivo para saudar a chegada do verão com uma taça de espumante. ■

44

Elaborado pelo método tradicional. Apresenta cor amarela palha com leves reflexos dourados e perlage persistente. Aromas finos florais e notas de mel. É redondo, fresco e equilibrado, com boa persistência e acidez agradável. (Espanha)

Sua coloração demonstra cores pálidas, evidenciando um perlage fino, intenso e persistente. Seus aromas são refinados, com toques de pão torrado e mel. A harmonia de sabores e aromas é resultante do equilíbrio de componentes do vinho base. (Brasil)

De cor dourado vivo, é suave, persistente e equilibrado. Sua característica ácida lhe dá um toque de frescor fantástico. Com retrogosto levemente adocicado, combina com frutas frescas, queijos e carnes brancas. (França)

Espumante límpido e de cor atraente. O perlage é intenso e consistente, com aromas frutados e doces. Elaborado a partir da variedade Moscato de Hamburgo, fermentado em tanques de aço inoxidável, a baixa temperatura com leveduras selecionadas específicas para que o produto reserve aromas primários da variedade.


MATÉRIA PRINCIPAL

Papai Noel o ano inteiro

Fim de ano é o momento mais tradicional de olhar para os nossos semelhantes e ajudar de alguma forma. Mas a Revista Duo conversou com alguns joinvilenses que, além da época natalina, também celebram a vida durante o ano inteiro, seja participando de grandes projetos sociais ou apenas ajudando a sua maneira. Por Ana Paula Padilha Fotos: Divulgação e arquivo pessoal

46


Voluntárias do Projeto Carequinhas em entrega para as crianças com câncer do Hospital Infantil de Joinville e Casa do Adalto.

PROJETO CAREQUINHAS Desde sempre a artesã Ana Paula Mendes Gomes teve vontade de realizar um projeto social a partir do uso do feltro, sua principal matéria-prima de trabalho. Mas foi há poucos meses que ela se tornou idealizadora e coordenadora do projeto Carequinhas. A ideia foi inspirada em uma amiga de Ana Paula que também trabalha como artesã e teve a ideia de fazer bonecos carecas. “Eu na hora trouxe a ideia para nossa cidade, mas fiz de uma forma diferente da minha amiga que arrecada os bonecos prontos de outras artesãs. Quando eu pensei no projeto, idealizei em pôr as pessoas para ajudarem na produção, e assim virar uma só corrente de amor em cada boneco, cada fabricação. Divulguei nas redes sociais a ideia e muitos me apoiaram”, relembra.

Foi então que o primeiro encontro aconteceu em agosto de 2016 com uma média de 50 pessoas na produção dos bonecos apoiando, tanto com materiais quanto em mão de obra. De lá até a data da primeira entrega foram mais de 10 encontros. A entrega dos bonecos aconteceu no dia 11 de outubro no Hospital Infantil de Joinville e também na Casa do Adalto. “Entregamos no dia das crianças 103 bonecos no Hospital Infantil e 60 na Casa do Adalto para as crianças cadastradas nas instituições que estão fazendo tratamento de câncer”, explica a idealizadora. O feltro é a principal matéria-prima porque, segundo a artesã, é fácil de costurar e pode ser feito à mão, o que facilita o aprendizado das voluntárias que não sabem costurar. Para confeccionar os olhos dos bonecos e brincos das bonecas são utilizadas miçangas, além de fibra

para preenchimento do corpinho. A escolha do feltro se deve por ser um produto barato que pode ser combinado com os materiais doados até o momento. “Nossa primeira entrega no Dia das Crianças foi inesquecível, algo que levarei para minha vida pra sempre, experiência única, levamos sorrisos para as crianças e fizemos elas esquecerem um pouco do que estão passando”, conta Ana Paula.

COMO AJUDAR: É possível se tornar voluntário para cortar, encher, riscar e ajudar em outros momentos da fabricação dos bonecos. Além disso, o projeto também recebe doações de materiais como feltro e enchimentos. Todas as informações de andamento do projeto Carequinhas podem ser acessadas na página facebook.com/ ProjetoCarequinhas.

47


Mario Cezar Budal, Matheus Song e Bruno Bernardo em trabalho social com moradores de rua.

MORADORES DE RUA Matheus Song tem apenas 22 anos, e acumula, além dos títulos de Mister Caminho dos Príncipes e Vice Mister Santa Catarina e mister Joinville 2016, um coração

nobre. Há cerca de cinco meses, o jovem participa de um projeto social promovido pela igreja São Judas Tadeu, onde um grupo de pessoas que todo segundo sábado do mês se reúnem para preparar sopas, risotos e outros pratos e distribuem para uma

média de 25 moradores de rua na região sul. “Procuramos não doar objetos, porque alguns dos moradores de rua acabam trocando por drogas, por isso a prioridade é de entregar alimentos e ajudá-los dessa forma. É muito gratificante”, conta Matheus.

Dr. Pedro e equipe do #ProjetoFátima registram o momento do sorriso novo em folha da paciente.

#PROJETOFÁTIMA Sempre envolvido com projetos sociais, o Dr. Pedro Jaime Rosa Jr. é especialista em implantodontia e também em humanizar a profissão que escolheu. Neste ano, o dentista teve a ideia de devolver o sorriso a uma paciente e conseguiu envolver colegas de profissão, laboratórios e fornecedores para trazer de volta a alegria a alegria de sorrir a paciente Fátima. Foi então que surgiu o “#projetofátima”, uma iniciativa que do Dr. Pedro em conjunto com uma

48

equipe de profissionais da área de odontologia, estética e fotografia. A ideia surgiu em uma reunião de amigos, onde assistiram um fashion vídeo feito com a dona Fátima. “Vendo a saúde oral dela, decidimos tratar e devolver realmente o sorriso nela”, relembra dr. Pedro. A principio, o grupo de amigos pensava ser algo simples, mas mediante aos exames radiográficos e tomográficos, se depararam com um desafio. Mas isso não foi motivo para desistir. Dr. Pedro reuniu uma equipe

multidisciplinar para ajudar no projeto e algumas imagens e vídeos dos bastidores já estão nas redes sociais para fomentar a vontade de ajudar, também nos colegas. “Tudo isso é foi e está sendo muito gratificante. Perceber e conviver com realidades diferente da nossa, nos faz abrir os olhos para as coisas mais importantes da vida. Só tenho que agradecer a todos que estão envolvidos nesse projeto e dispostos a doar seu tempo e conhecimento para ajudar”, agradece.


O cabeleireiro Herógenes recebe prefeito Udo Döhler e vice Rodrigo Coelho em sua campanha

ADOTE UM ANJO E AJUDE DUAS CRIANÇAS Há 25 anos, Aurita Terezinha Medeiros, mãe do cabeleireiro Herógenes Medeiros, costumava realizar uma festa no dia 12 de outubro, em Rio Negro, no Paraná, para arrecadar donativos para crianças carentes. Desde que faleceu, há sete anos, o filho Herógenes tomou a frente, mas ao invés de fazer uma festa, resolveu

fazer uma árvore de natal diferente. Morando em Joinville há 15 anos, o cabelereiro realiza todos os anos a campanha “Adote um anjo e ajude duas crianças” que funciona assim: Herógenes monta uma árvore com mil anjinhos pendurados a fim de que cada pessoa que retirar um anjo da árvore, doe um litro de leite, um pacote de bolacha e dois brinquedos, um de menina e outro de menina, no valor de até R$ 5,99. No ano passado, Herógenes chegou a ajudar cerca de 2,5 mil crianças e

500 idosos. Para este ano, a estimativa é de ajudar 2,7 mil crianças e mais de mil idosos. As doações são entregues em asilos, creches e bairros carentes. A campanha é sempre aberta no dia 13 de outubro, quando o padre Severino, da Igreja Santo Antônio visita o salão de Herógenes para abençoar a árvore. Este ano a campanha está sendo um sucesso novamente e até o prefeito Udo Döhler esteve presente para visitar a árvore junto com o vice Rodrigo Coelho. ■

49


DUO MODA

Alto-verão: conheça as tendências O verão já está batendo a porta e o que fazer? Abrir as portas do guarda-roupa para a estação e se jogar nas tendências. Saiba tudo que vai estar em alta na estação mais quente do ano! Por Yasmim Fassbinder Fotos: Divulgação

O

ano de 2016 passou tão rápido que parece que mal piscamos e ele já está acabando, não é mesmo? Nas últimas edições já vínhamos falando um pouquinho sobre as tendências para Primavera/ Verão, mas agora é a vez de finalmente falar sobre o período que passamos o ano inteiro esperando: o alto-verão! Separamos algumas das principais tendências para essa temporada, e o melhor é que a maioria já está disponível em várias lojas e sites. Vamos ver? Metalizados: a temporada de festas virá repleta do glamour dos metalizados. Seja em detalhes, nos acessórios, em peças específicas ou,

50

até mesmo, num look completo. Não tenha medo de abusar do prateado, dourado e, principalmente, do cobre. O “rose gold”, como é chamado agora, é com certeza o metal da estação! Pra quem gosta de uma estética mais romântica, mas ainda quer abusar do metalizado, vale a pena dar uma olhada nas saias, blusas e vestidos plissadas e com leve brilho no tecido. Acessórios: os brincos grandes e coloridos de acrílico voltaram com tudo! Eles deixam qualquer look mais jovem e descontraído. E já que é verão, porque não usar um abacaxi nas orelhas? Mas claro que também há opções para as mais minimalistas, que podem optar por modelos geométricos ou com frases.


“os brincos grandes e coloridos de acrílico voltaram com tudo! Eles deixam qualquer look mais jovem e descontraído”

Sobreposição de camiseta com alcinha: esse é um combo que vem tomando espaço há alguns meses e agora finalmente apareceu nas lojas brasileiras. Sabe aquele vestido de alcinha que você já usou tantas vezes que até já enjoou? Pra dar uma cara nova ao look, joga uma camiseta básica por baixo e voilá! O mesmo vale para aquela blusa de cetim com rendinha que você nunca mais usou. Lenço no pescoço: essa é outra dica super legal para dar outra cara ao look. Vale usar amarradinho na frente ou dobrado com a amarração para trás. Os lenços mais utilizados são os tradicionais com estampa paisley, que todo mundo conhece pelo menos alguém que já tenha tido um. Mas os coloridos

e florais também dão um ar super legal no verão. Body cavado: direto dos anos 80, os bodies super cavados estão voltando com força! Dá pra usar com tudo, e quanto mais simples o modelo, mais legal. Os com frases engraçadinhas também são ótimos. O bom é que dá pra ir direto pra praia ou pra piscina, né? O que acharam das trends? Já estão prontas para usar? Lembrem-se que o mais legal é sempre adaptar as tendências ao seu estilo e se sentir confortável com o que usa, podendo, claro, sempre optar por peças mais simples que façam referência a uma tendência ou outra, ou, misturar tudo em um look só. O importante é se divertir, ainda mais se é verão! ■

51


MÚSICA Ju Pamplona

A música nas veias de

Jhonatan Marques Batemos um papo com um músico da cidade muito criativo e bem ligado em estilos! Se liga em Jhonatan Marques!

1 – Como surgiu a vontade de aprender música? Esse desejo veio meio que sem querer. A família sempre gostou de música e a paixão foi acontecendo naturalmente. Eu me lembro que o primeiro instrumento com que tive contato foi com uma bateria, mas como ninguém sabia cantar, logo percebi que bateria sozinha não faz “verão”. Então resolvi aprender a tocar violão e aí as coisas foram acontecendo. Hoje eu toco bateria, baixo, violão, guitarra, gaita e teclado. 2 - Você também é locutor, conta pra gente esta relação da música com o rádio e como surgiu. E como ajuda na função. Então, a carreira de locutor veio através da música também. Eu tinha umas músicas que tocavam na maior rede de rádios do sul, a Atlântida e foi quando em 2009 veio o convite para enviar um piloto para cobrir as férias de um locutor. Eu mandei, eles gostaram e acabei fazendo um mês de férias. Já em 2010 fui chamado novamente para fazer dois meses de férias e daí pra frente não parou mais, passei além da rádio Atlântida, pela Itapema FM e atualmente estou na Vertical FM. Para um músico é um aprendizado maravilhoso, porque você tem contato com todo o tipo de música, e acaba sendo influenciado por isso, e consequentemente, levando um pouco dessas referências para as canções na hora de compor.

52

3 - Você tem muitos vídeos na internet. Para você, é mais fácil ter materiais desta forma do que gravar um cd, dvd? Fazer vídeos, eu posso dizer que é a minha “cachaça”. É incrível o poder de fazer uma pessoa se emocionar, empolgar, sorrir, e por fim, compartilhar aquele sentimento com outras pessoas. Recebo vários recados de pessoas que voltaram a se empolgar a tocar um instrumento através dos meus vídeos, pessoas que ativam o seu lado criativo, e isso pra mim é ter sucesso! É óbvio que ter milhares de acessos nos vídeos é legal, mas pra mim sucesso é isso, uma música minha ter o poder de influenciar alguém. O vídeo que tenho mais carinho é um que fiz em Balneário Camboriú, que é uma versão da banda Echosmith, que inclusive passou e passa ainda no Brasil inteiro, após ser veiculado nos canais Multishow e BIS. Sobre gravar um CD, eu estou trabalhando nisso já, é um processo mais lento do que os vídeos.

4 - Conta um pouco dos seus planos e projetos. Para 2017 pretendo continuar dando sequência a esses dois projetos, e a todo o vapor com o meu canal no Youtube, que cresce a cada dia. Colocar literalmente o bloco na rua e sentir essa resposta do público em relação às canções. Podem esperar sempre materiais mais bem produzidos, como a parceria que fechei com o canal “Renegados”. Tudo vai ficar ainda mais bacana de se ver. Vocês me encontram nas redes sociais como “Jhonatan Marques”, então, dá um play e fiquem à vontade! Quero agradecer a toda equipe da Duo, a você Ju Pamplona, que sempre está de olho em tudo que acontece de bom em Joinville e em Santa Catarina. Foi uma honra.

E eu fecho com uma frase que eu sempre digo: “Música é um sentimento, cause algum em alguém”. ■


EDITORIAL

EDITORIAL

LOJA JHOPE APRESENTA

A TENDÊNCIA DO VERÃO


LOOK COMPLETO LOJA JHOPE


LOOK COMPLETO LOJA JHOPE


LOOK COMPLETO LOJA JHOPE


ONDE ENCONTRAR: LOJA JHOPE Av. Getúlio Vargas, 341 FONE: 3029 2904

Fotos Vand Rodriguez ( Df studio) | Beleza : Clinica Alexandre Simas | Modelos: Carol Gonçalves e Rafael Fogolari ( Gas Models)


MAKE Paula Bernardes

Maquiagem para os

dias quentes Aprenda algumas dicas e truques para te ajudar a elaborar uma maquiagem leve e duradoura mesmo nos dias mais quentes do ano!

Foto: Banco de Imagens

V

erão chegando, sol, vento, praia... Já dá uma alegria só de pensar. Até chegar a hora de se arrumar para sair e você está suando sem parar. Como faz pra sair linda no calor? Primeiramente temos que lembrar que a qualidade da pele é a base de uma boa make, então a primeira coisa é focar na hidratação de pele e nos produtos pré-make. Sim, você tem que hidratar a pele mesmo que ela seja oleosa, pois muitas vezes o excesso de oleosidade é reflexo de um desequilíbrio. Quanto mais você retira a oleosidade natural, mais o corpo a repõe. Então, a solução é encontrar o hidratante certo para seu tipo de pele. Inicie com água termal (deixe na geladeira para um efeito mais refrescante), aliás, a água termal pode e deve ser usada o dia todo, até na praia. Em seguida, faça uso de um bom primer com o mínimo de silicone possível na formulação, e base livre de óleo. Dê preferência aos produtos líquidos e aerados, fuja dos

cremosos e em bastão. Para os dias de praia, use um BB cream com filtro solar para um efeito mais natural. Se for optar por usar pó na finalização, use os matificantes, em pouca quantidade, pois nada pior do que o efeito de excesso de pó na pele. Quanto ao contorno, ao contrário do que muita gente ama, evite o contorno cremoso, feito com corretivo. Opte pelo em pó, além do efeito ser mais natural, a make vai durar mais.

“Dê preferência aos produtos líquidos e aerados, fuja dos cremosos e em bastão.”

58

Não esqueça do filtro solar, se possível procure os com maior proteção para ter uma pele linda por muitos anos. Nos lábios, abuse dos batons vibrantes e das cores fortes. Diferente dos anos anteriores, em que reinavam os nudes e cor de boca, esse ano as cores fortes vem com tudo, até mesmo batons com efeito cintilante (sim, isso mesmo que você leu, cintilante!). Claro que tudo é uma questão de gosto e do que fica melhor para você, afinal moda é o que te faz sentir bem, mas prepare-se para ver outros tons e acabamentos que estão por vir nesta estação. ■


PUBLIEDITORIAL

No ritmo da moda A DF Model, agência e escola de modelos joinvilense passa por uma revitalização e busca se adaptar ao mercado da moda conforme sua evolução. Por Tabata Kadur Fotos: Vand Rodriguez

A

DF Model, originalmente uma agência de modelos joinvilense, foi criada a partir da fusão de outras duas agências, a Ferrett’s Models e Staff Model’s, no ano de 2003. Na época em que foi constituída, muitas empresas estavam unindo forças, sobretudo aquelas envolvidas com a área da moda. Segundo Sérgio Ferretti. sócio-proprietário da agência, o mercado de modelos estava em transformação e ele foi então atrás de novos parceiros. Deparou-se com o empresário Dangelo Peixer em um casting, e ambos decidiram criar em conjunto a DF Model. Após 15 anos caminhando

60

lado a lado os sócios decidiram que era o momento de trilharem caminhos diferentes e cada um seguiu com suas empresas e propósitos. Sergio Ferretti que já trabalhava com cursos de modelo, retomou os projetos que haviam sido deixados de lado no decorrer dos anos, e tornou a focar em cursos de formação especializada de novos talentos. “Hoje o mercado mudou novamente e voltamos com cursos para reeducação no mercado de modelos. Essa nova geração de jovens está muito cyber ligada, mas pessoalmente são muito tímidos e sem preparo”, afirma o empresário. A aposta é que com os cursos

a DF Model abra caminho para novos modelos, tornando-os bem preparados para enfrentar o mercado nacional e internacional. “Em primeiro lugar temos o curso que é voltado a preparação de novos modelos e agenciamento de carreiras. Nossos modelos poderão ser vistos em campanhas de moda e comerciais para TV, desfiles para o mercado adulto e também o infantil, assim como um elenco comercial”, afirmam os responsáveis pela agência. Atualmente a DF Model está mais preparada. Equipada recentemente com um estúdio fotográfico completo, para ensaios, produção de material de divulgação, books


profissionais e pessoais, e campanhas em geral. Hoje o time da DF model é composto por Sergio Ferretti, Neide Ferretti e o fotógrafo Vand Rodriguez. Além de contarem com os departamentos de scouting (caça talentos), new faces (preparação de novos modelos) e direção artística (projeção de carreiras). Sérgio Ferretti explica que a DF Model tem como objetivo descobrir, preparar e projetar novos modelos para mercado de moda e publicidade, assim como oferecer serviços de produção

de eventos, desfiles de moda e estúdio fotográfico. O grande diferencial da empresa é a qualidade e experiência de mercado: “uma empresa familiar com mais de 30 anos, atuando desde 1986 com modelos, e que preza muito os profissionais da área”, destaca Ferreti. A DF já descobriu e projetou no mundo da moda, nomes como: Diego Miguel, André Ziehe e Luma Grothe. Para o próximo ano, a equipe está trabalhando em novos projetos: “estamos elaborando o projeto modelo de saúde e

sucesso, com uma nova turma do workshop que em 2017 terá quatro meses duração. Com toda disciplina e aulas práticas como: aula de passarela, fotografia, mercado digital e etiqueta social”, explicam os diretores. Segundo a agência, hoje a empresa atende 30% do mercado de Santa Catarina e para o ano que vem, os planos são de expandir a clientela. “Teremos modelos mais bem preparados para os trabalhos, modelos mais felizes com a agência e nossos clientes mais satisfeitos com nossos profissionais”, conclui Ferretti.■

DF MODEL

Av. Juscelino Kubitschek, 603 sl 09 – Centro (47) 3422-4123 sergio@dfmodel.com.br www.dfmodel.com.br @dfmodel /dfmodelos

61


PÉ NA ESTRADA

#PartiuAlasca Jana Make Up é joinvilense e youtuber com quase 1 milhão de inscritos e atualmente está em uma expedição até o Alasca a bordo de Sophia, a van customizada por ela e o namorado Gui Toledo, também youtuber. Por Ana Paula Padilha Fotos: Janaína Isabel e Guilherme Toledo

E

la tem um canal de maquiagem. Ele um canal de blog. Ela tem 22 anos. Ele 32. Ela é de Joinville. Ele de São Paulo. E o que eles têm em comum além do youtube? O sonho de conhecer o mundo! Com um ano de namoro e muitas histórias para contar, Janaína Isabel da Silva e Guilherme Ferreira de Toledo estão na estrada há seis meses em uma expedição que saiu do Brasil e pretende chegar até o Alasca. Foram seis meses somente de planejamento para tirar a ideia do papel. Com malas feitas e van reformada, o casal saiu de São

62

Paulo há sete meses, fizeram uma parada em Joinville para finalizar alguns detalhes e desde então, há seis meses que Jana e Gui não têm endereço fixo. “Nós tivemos a ideia de viajar juntos, estávamos namorando a pouquíssimo tempo e a ideia surgiu de uma brincadeira nossa de viajar com o carro que o Gui recentemente tinha pegado. Qual o lugar mais distante de SP que podemos chegar de carro? O Alasca!”, conta a youtuber. Da brincadeira que acabou virando realidade, o casal imaginava uma viagem de um ano e meio. Porém Janaína confessa que

nenhum cronograma foi cumprido e os dois começaram a fazer o roteiro no improviso e sem pressa. “Nós estamos aqui nos países vizinhos do Brasil, não estamos muito longe de casa e já vivemos tanta coisa, e ter essa rotina diferente, vivenciar isso, ter noção dessas diferenças culturais e é uma bagagem que vamos levar para o resto de nossas vidas e é uma experiência que não tem preço”. Para o casal, a parte mais legal de viajar dentro de um carro é poder mudar todos os dias, acordar diariamente num lugar diferente, conhecer todas as maravilhas que até então só se via pela televisão, pela internet.


Além disso, Jana confessa que planejar estar num lugar e no dia seguinte realmente estar lá, é incrível. “Nosso lugar favorito foi torres del Paine, um lugar incrível no Chile, não parece de verdade, parece uma pintura. E o lugar mais romântico até agora, foi Colônia do Sacramento, uma cidadezinha no Uruguai super aconchegante, estilo europeia. Mas como nem tudo são flores, a viagem também teve suas dificuldades. A parte mais difícil até agora, segundo o casal, foi quando a van quebrou e Jana e Gui não sabiam-se teria conserto. “Ficamos dois meses presos no Ushuaia e ficamos um pouco tristes, mas quando um está mais pra baixo, o outro está mais alto astral e damos suporte um para o outro”, relembra Jana.

trabalhamos com internet e isso nos traz a possibilidade de estar longe de casa para trabalhar. Então nós mesmos que gravamos e editamos nossos vídeos e vivemos com o dinheiro do nosso trabalho com a internet e eventuais patrocínios e parcerias”, explicam. Jana declarou em seu canal no Youtube que teve poucas certezas em sua vida até agora, como quanto quis essa viagem. “Tenho apenas 22 anos e estou realizando o sonho da minha vida que é conhecer o mundo. O Gui é uma ótima companhia, a gente se diverte muito juntos na estrada. Sem dúvidas não poderia ter escolhido outra pessoa pra fazer essa loucura comigo”, fala Jana. E o sentimento é recíproco: “A Jana é a melhor companhia do mundo. Alto astral, topa qualquer parada

e não tem tempo feio. Ela sempre vê o lado bom das coisas”, diz Gui Toledo.

ACOMPANHE O PROJETO

#PARTIUALASCA NAS REDES SOCIAIS: Depois de seis meses na estrada pelo Uruguai, Argentina e Chile, é possível conferir mais de 50 vídeos sobre a expedição no canal do Gui Toledo. Agora em dezembro, Jana e Gui estarão de volta à estrada para a segunda temporada da viagem que vai ser pelos EUA, onde provavelmente os dois vão comemorar as festas de fim de ano rolando na neve em New York ou abraçando o Mickey em Orlando. Acompanhe a dupla nas redes sociais e fique por dentro da expedição #partiualasca.■

É POSSÍVEL VIVER VIAJANDO? Uma pergunta feita com muita frequência em ambos os canais, é como o casal está arcando com os custos da viagem. Jana e Gui garantem que a viagem não é patrocinada. “Estamos aproveitando que

Instagram.com/partiualasca Snapchat: partiualasca youtube.com/janamakeup youtube.com/guitoledo

63


LIDERANÇA Matilde Melo

Foto: Banco de Imagens

Ser grato pelo que?

Dezembro chegando, geralmente olhamos para trás e acabamos nos perguntando como foi o ano, quantos desafios enfrentamos e quantos problemas resolvemos. Muitas vezes o sentimento é de que nada foi bom, então, pelo que valeu a pena lutar tanto? Ser grato pelo que, se este ano só me fez sofrer?

S

e você se identificou com algum destes questionamentos? Então pense comigo, em tudo o que poderia ter sido e não foi. Tudo o que poderia ter acontecido e não e se realizou. Tudo o que você poderia ter feito e não concretizou. Olhe bem para todas as dificuldades, todas as dores, as doenças, os desamores, as traições, os desacordos, as separações, a falta de grana e até as humilhações. Encare tudo isso de frente, chore, lamente, expresse sua raiva, reclame de novo, tudo de uma vez. Eu sei que não deve ser nada fácil. Eu imagino o quanto deve ser triste e sofrido para você, pois coisas acontecem, nem sempre estamos preparados para o que vem. Nesta época do ano as emoções estão ainda mais afloradas, as baterias estão pedindo recarga, as atividades

64

se acumulando, deixando nossa inteligência emocional mais relaxada e menos assertiva. Um misto de sentimentos pode estar te invadindo e te dando direções contrárias, tendo em alguns momentos vontade de jogar tudo para o alto, de desistir e em outros a vontade de recomeçar, de buscar forças e de fazer acontecer, por isso você ainda está lendo tudo isso. Então vou te fazer um convite. Que tal olhar todas as suas dores e problemas de forma mais generosa? Minha sugestão é que você possa rever todo este cenário por outro prisma, fazendo melhores perguntas e percebendo o que você pode aprender com tudo isso. Sendo mais generoso primeiro com você mesmo, parando de se cobrar tanto, de querer ser perfeito e dar conta de tudo o tempo todo.

Pedindo desculpas a você mesmo por se exigir demais. Olhando para as pessoas que estão a sua volta e percebendo quantas delas puderam ter contribuído positivamente em sua vida, quantas puderam lhe trazer luz e aconchego e você nem havia percebido pois estava machucado demais para ver com clareza. Que você possa olhar para o agora, sentindo-se vivo e cheio de novas oportunidade de recomeçar, de fazer diferente, de buscar pessoas que possam agregar ainda mais em sua vida, proporcionando ambientes seguros e de bons aprendizados. Que você possa olhar para frente e ver que você sempre pode muito mais que imagina e no meio desta certeza você possa se perguntar com franqueza, pelo que eu posso ser grato a partir de hoje? ■


DUO MODA

SPFW N42: a transição Com a mudança no cenário da economia mundial, o SPFW traz o SEE NOW BUY NOW para as passarelas brasileiras. Por Duda Laurentino Fotos: Divulgação FFW

O

sonho de estar presente nas semanas de moda envolve milhares de pessoas que amam viver esse mundo. Acompanhar as novas apostas e tendências em tempo real desperta um brilho no olhar e, ao mesmo tempo, faz com que todos os detalhes, os quais serão desejo temporadas a seguir, passem mais tempo atormentando seus pensamentos até chegarem às lojas. No entanto, algo que demoraria de quatro a seis meses não é mais problema, porque agora temos também, no SPFW, o SEE NOW BUY NOW, em sua tradução ao pé da letra, VEJA AGORA, COMPRE AGORA. Já pensou em tirar a equipe da zona de conforto e preparar toda a produção de uma coleção antes mesmo de ela ser apresentada na passarela? Pois é, nesta edição, o SPFW apresentou o SEE NOW BUY NOW como seu carro-chefe, traduzindo isso em sua hashtag principal: #SPFWTRANSN42. O prefixo TRANS, que remete à transição ou à movimento para além, deu o que falar, por gerar a instalação de uma nova forma de pensar, na qual as coleções são apresentadas periodicamente, mas com a nova tendência seasonless, ou seja, as estações agora

66

caem por terra; as coleções são apresentadas de acordo com as tendências; e as peças têm uma nova forma de vir ao mundo. Essas mudanças inspiraram os estilistas das 26 marcas que passaram pelas passarelas do SPFW. E por incrível que pareça, os modelos, fora do padrão de beleza dos anos anteriores, com tatuagens, piercings e cabelos diferentes,

foram super aprovados pelos estilistas e também pelo público, o qual adorou a novidade. As passarelas tiveram traços característicos nas marcas, coleções que foram do extremamente clássico para a leveza das sedas e das flores. As apostas criativas das passarelas viraram notícia na mídia internacional, uma vez que tivemos alguns lançamentos incríveis.


Precisa-se, é claro, dar destaque aos lançamentos das marcas: LAB, que encantou a todos com a representatividade negra; COTTON PROJECT, que apresentou um mershandising de parcerias com bandas; e JUST KIDS, com sua pocket coleção, de Ju Jabour e Karen Fuke, que trouxe diversos modelos de moletom com estampas e escritas criativas. Essas três marcas têm em sua essência muito do estilo esportivo, com conforto e modernidade, que proporciona uma fácil leitura de passarela e uma sensacional adesão do público. Ao se voltar os olhos para a passarela nacional de alguns anos atrás, era muito comum ver modelagens mais justas e estruturadas, à la Gloria Coelho. Mas esse movimento vem perdendo a força nos últimos anos e, desta vez, os destaques nas coleções ficaram por conta das modelagens overzise; mangas,

comprimentos, larguras, tudo em exagero nos modelos de João Pimenta, Coca-Cola e Ratier, as quais também apostaram nos tons candy, jeans, terrosos e metalizados. Para quem gosta do bom e velho exercício, as tendências fitnesses na moda estão incríveis. A MEMO apresentou na passarela uma coleção cheia de detalhes, com algumas peças em modelagem over e outras bem slim, trazendo muitos recortes, transparências e tons em cinza, além das peças com olhares fluorescentes e metalizados. E mais, Samuel Cirnansck trouxe estampas digitais em seda, muita leveza, glamour e até um toque fun nas peças que tiveram o design da estampa com um gatinho super fofo. Assim como a Coca Cola, Samuel se jogou de cabeça no jeans e fugiu do comum dos seus desfiles passados, que tinha olhares para

os vestidos de festa, mas sem deixar de lado os vestidos fluídos. A coleção foi extremamente comercial e, em sua maioria, com cara de dia a dia. Outra marca que seguiu essa mesma linha de pensamento foi a Helo Rocha, ao apresentar tecidos muito leves e modelagens fluidas, com muito movimento. Além disso, a estampa liberty, com flores bem miudinhas e fundo claro, trouxe à tona um verão fresco e arejado. Por tudo isso, e muito mais, a edição de número 42, que traçou a transição para o SEE NOW BUY NOW brasileiro, brindou o público com novidades incríveis e proporcionou uma reflexão para as ideologias padronizadas, a de que todo tempo é tempo de mudanças, as quais precisam ser bem-vindas para a evolução do mercado, das pessoas e da essência em que se vive. ■

67


EDITORIAL

Company Calçados A

Company Calçados foi fundada por Saudi Cristiano, ex-funcionário da empresa Só Tênis. Sua primeira filial foi aberta em maio de 2003 com Jean Maros, onde trabalhavam os dois e mais um funcionário. Em março de 2006, ocorreu a abertura da segunda loja e, neste período, o sócio Jean Maros decidiu sair da sociedade. Nessa transação, entrou Fernando Lombardi. Após dois anos, houve a abertura da terceira loja, localizada em um shopping no centro da cidade de São Francisco do Sul. Nessa época, a empresa já contava com cerca de 15 funcionários. No ano de 2010, houve a abertura de uma loja no Shopping Cidade das Flores, em Joinville, sendo ela sua quarta loja e, até então, a maior da rede. No ano de 2013, foi aberta a maior loja da rede, com maior estrutura predial e grandiosa variedade de produtos, localizada no bairro Iririú na cidade de Joinville. Atualmente, a empresa possui oito lojas e conta com duas marcas: Company Calçados e Cia do Esporte.

ANO DE FUNDAÇÃO: 2003

NOME DOS PROPRIETÁRIOS:

Saudi Cristiano, Fernando Lombardi, Cristiane Fonseca e Marina Cristiano.

MARCAS QUE TRABALHAM:

Bottero, Parô, Via Marte, Dakota, Vizzano, Ramarim, Pegada, Klim, Pampilli Nike , Adidas, Asics e Live.

68


COMPANY CALÇADOS APRESENTA:

Dream Shoes Fotografia e tratamento de imagem: Vand Rodriguez | Modelo: Bruna Vidal ( Gas Models) | Beleza: Clinica Alexandre Simas Agradecimentos: Morana Acessórios | Sussurra Langeris | Locação: Lojas Flamingo


●Sandália Vizzano: 6x 21,65 ●Top com Bojo Live: 6x R$ 18,30 ●Legging Live: 6x R$ 28,30 ●Tênis Adidas Springblade Pro M: 6x R$ 199,90 Sapatos Company Calçados


●Sandália Parô: 6x R$ 29,99 ●Tênis Casual Vizzano: 6x R$ 25,81 Sapatos Company Calçados


●Rasteira Parô: 6x R$ 31,65 ●Sandália Parô: 6x R$ 24,99 Sapatos Company Calçados


●Sandália Parô: 6x R$ 39,99 ●Rasteira Parô: 6x R$ 28,30 Sapatos Company Calçados

ONDE ENCONTRAR: LOJA 1 Rua Papa João XXIII, 1035 - (47) 3427-5544 | LOJA 2 Rua Iririú, 3169 - (47) 3025-5533 | LOJA 3 São Francisco Shopping - (47) 3444-2231 | LOJA 4 Shopping Cidade das Flores - (47) 3026-7985 | LOJA 5 Rua Dr. João Colin, 340 - (47) 3029-5290 | LOJA 6 - Company Outlet Rua Ponte Serrada, 284 - (47) 3027-3500 | LOJA 7 Rua Iririú, 2518 - (47) 3025-5867 | LOJA 8 Shopping Cidade das Flores R. Mario Lobo, 106 - Centro - (47) 3801-3066


CABELO Flávia Sapelini

Cabelo

Foto: Banco de Imagens

saudável no verão A época mais quente do ano pode ser cruel com as madeixas. Para deixar o cabelo sempre hidratado e protegido contra os raios solares, separamos algumas dicas.

E

stá chegando a época das férias, calor, sol, praia, piscina…quem não gosta muito dessa fase são nossos cabelos que sofrem com as agressões. Não é fácil passar pelo verão com os cabelos sempre lindos e hidratados. Praia, piscina, sol e muito vento deixam os cabelos quebradiços e secos — por isso, é preciso ter um cuidado especial com os fios. O excesso de suor também pode trazer problemas para o couro cabeludo como micoses, caspas e coceiras. Nessa época você pode lavar os cabelos todos os dias, mas opte por shampoos mais naturais, suaves e sem sulfatos.

OS PERIGOS DO VERÃO PARA OS CABELOS Os raios UVA e UVB estimulam a perda de queratina, destroem e oxidam os cabelos, que perdem a cor e ficam ressecados. O vento é o responsável por aqueles nós

NÃO SE ESQUEÇA: bizarros super difíceis de tirar e que resultam em uma cabeleira com fios quebrado e o sal abre a cutícula dos fios, deixando-os endurecidos e sem brilho. O resultado é cruel: cabelos danificados, com frizz e um super volume.

DICAS PARA CUIDAR DOS FIOS Mas não se desespere! Comece os cuidados escolhendo um bom leave-in. Aplicado após o banho, o produto forma uma película no fio e ajuda na proteção. Os produtos líquidos são para cabelos oleosos; os em creme são mais indicados para quem tem cabelos secos. Use longe da raiz, além disso, sempre que possível, sempre enxágue os fios com água natural após um mergulho no mar ou piscina. Se você passar muitos dias na praia ou curtindo a piscina, opte por um shampoo antirresíduos uma vez por semana para limpar bem o cloro e o sal. Evite expor o cabelo a mais agressões

● Use chapéu ou boné para não queimar os fios; ● Evite produtos capilares que contenham álcool, que ressecam o cabelo; ● Para cabelos loiros procure produtos que protejam a cor e a pigmentação do fio. Um truque para amenizar os esverdeados é aplicar vinagre de maçã neles; ● Num borrifador, misture água gelada com uma colher de chá de mel, e borrife nos cabelos durante o dia, se sentir que o clima está muito quente e os cabelos secos; ● Aproveite os tratamentos noturnos. É só aplicar o creme no cabelo úmido e deixá-lo agir durante toda a madrugada. Ele recupera parte dos lipídeos que foram perdidos na manhã de sol. com o secador e a chapinha (deixe para usá-los só em dias especiais!). Ao deixar o cabelo secar ao natural, aposte em finalizadores que não contenham óleo na fórmula para dar um ar mais bagunçadinho. ■

75


PUBLIEDITORIAL

E

MULHER DE FIBRA Andreia Monteiro Por Tabata Kadur Fotos: Elaine Theodoro e Marlete Francisco

mpreendedorismo, segundo a definição, é a disposição para identificar problemas e oportunidades e investir recursos e competências na criação de um negócio, projeto ou movimento que seja capaz de alavancar mudanças e gerar um impacto positivo. E foi essa essência que motivou Andreia Monteiro a deixar de lado sua carreira como profissional de educação física e buscar um novo rumo e novos propósitos. Depois de quatro anos pesquisando novas possibilidades e experimentando atividades, Andreia entendeu que morava em si uma grande empreendedora. “Com as experiências vividas ao longo dos anos fui entendendo que o que eu estava buscando era um grande propósito não só pra mim e pra minha vida, mas para a vida de outras pessoas também. Uma atividade que eu pudesse impactar positivamente várias pessoas”, conta a profissional. A partir deste momento Andreia foi buscar especializações e formou-se em Coaching, assim como teve a formação de Practitioner em Programação Neurolinguística, dentre outros cursos da área. Com sua carreira já redirecionada, Andreia Monteiro teve a oportunidade de trabalhar em uma empresa que atendia apenas mulheres. Ela conta que era comum encontrar casos de mulheres insatisfeitas, muito dependentes de alguma situação, inseguras e com autoconfiança abalada. “Então pensei que eu poderia contribuir para que, mulheres com esse perfil, pudessem mudar e dar um salto em suas vidas, em todos os aspectos”, relembra. Dessa forma nasceu o Instituto de Desenvolvimento Feminino com o desejo de inspirar mulheres a serem protagonistas de suas próprias histórias, independente das suas escolhas. O instituto oferece às mulheres capacitação e ferramentas de desenvolvimento em três áreas: vida, carreira e empreendedorismo, através de acompanhamentos


individuais e personalizados de Coaching, mentoria para empreendedoras, palestras, treinamentos e curso de empreendedorismo para mulheres. Os serviços foram criados para mulheres que buscam por autoconhecimento, desenvolver competências, potencializar talentos e que desejam ter mais autoconfiança e autonomia na vida pessoal, na carreira e nos negócios. Andreia explica que o maior diferencial de sua empresa está no olhar mais sensível às necessidades da mulher, no que diz respeito ao seu desenvolvimento pessoal e profissional. “Hoje sinto que estou no caminho certo. Sei que tenho muito ainda a aprender,

a fazer e a conquistar, mas sou muito feliz e realizada com o que eu faço. Acordo todos os dias com a certeza de que eu fiz as escolhas certas. A caminhada foi longa, mas valeu muito a pena”, afirma.

II FÓRUM DE EMPREENDEDORISMO FEMININO DE JOINVILLE O Fórum de Empreendedorismo Feminino, idealizado por Andreia Monteiro, surgiu para empoderar a mulher empreendedora ou que está pensando em empreender. “O objetivo do Fórum é compartilhar conhecimentos e experiências para motivar, transformar e apoiar essas mulheres. Temos uma

programação de palestras e este ano o tema foi Desafios e Oportunidades”, diz Andreia. O evento que aconteceu no último dia 22 de novembro, foi a segunda edição da iniciativa e contou com um talk show com o tema Mulher, Carreira e Maternidade, um case de sucesso, uma palestra sobre Finanças Empresariais e a palestra “Crie Oportunidades”. Paralelamente ao Fórum aconteceu também a 2 0 Feira da Mulher Empreendedora com exposição de produtos e serviços, liderados por mulheres. Além disso, também foram disponibilizadas às participantes orientações nas áreas de finanças, contabilidade e marketing digital.■

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO FEMININO

(47) 99775-5827 /institutodedesenvolvimentofeminino @idesenvolvimentofeminino

77


SEXO Cláudia Petry

Sexo é Vida! Foto: Banco de IImagens

Esta frase há muito tempo escutamos, porém esqueceram de nos falar que sexo só é vida se gera prazer e satisfação sexual.

P

rocurar ajuda profissional quando falamos em sexo é um sinal de coragem e demonstra vontade de encarar os desafios da vida. Alguns profissionais como os terapeutas sexuais, educadores sexuais e sexcoach, que dão atenção específica à forma na qual a sexualidade (ou a sua falta) afeta a vida das pessoas e seus relacionamentos, podem colaborar neste processo. O único propósito destes profissionais é ajudar as pessoas a identificar seus objetivos, resolver problemas sexuais, mudanças desejadas na sua sexualidade e em seus relacionamentos com as outras pessoas, além de atingir um nível melhor de satisfação sexual e realização. Afinal, os problemas sexuais às vezes impedem uma pessoa de ter qualquer relacionamento íntimo satisfatório. Que problemas podem ser tratados? Em alguns casos, a fonte de dificuldades sexuais pode ser praticamente óbvia (quando situações médicas e de doença impedem ou diminuem o prazer). Nesses casos, é importante receber o tratamento mais recente que combina medicina e psicoterapia de forma eficaz. Para

80

esses casos, consultas médicas e terapias sexuais são parte importante do tratamento. Para muitas pessoas, os motivos dos seus problemas sexuais e dilemas de relacionamento podem não ser claros. As comunicações sexuais podem ser alvo de armadilhas difíceis. Um vago senso de não ser realizado sexualmente, existe. Problemas de relacionamento são frequentemente responsáveis por dificuldades sexuais, mas o inverso também é verdadeiro. Então, uma orientação de profissional na área da sexualidade é geralmente eficiente ao ser combinadas em um processo de tratamento compreensível para todos esses tipos de problemas. Alguns dos problemas mais recorrentes Dificuldades relacionadas ao funcionamento sexual, superar a falta de atividade sexual, fuga do sexo, falta de desejo sexual, problemas de ereção, ejaculação precoce e ejaculação tardia.

Problemas enfrentados por casais Resolver obstáculos de intimidade, problemas de comprometimento, conflitos sobre a frequência sexual, conflitos sobre as preferências e comportamentos, tédio sexual, impacto dos filhos e a redução do desejo sexual. Problemas s ex u a i s de desenvolvimento próprio Superar hábitos de culpa indesejáveis, sexualidade aprazível em uma época de doenças sexuais transmissíveis e lidar com os problemas sexuais causados pela idade. Sempre é positivo uma conversa com uma educadora sexual profissional ou uma sexcoach, que oferece avaliação compreensiva, dicas ou mesmo indicação de profissional da área da saúde para pessoas e casais com dificuldades sexuais, respeitando valores individuais e estilo de vida. A maioria das pessoas fica aliviada em saber que os seus problemas podem ser resolvidos e os seus relacionamentos melhorados. ■


DUO SAÚDE

CHECK UP previne doenças A Duo conversou com a Dra. Ana Paula Ribeiro, clínica geral, para nos dar algumas dicas sobre check-up e sua importância. Por Márcia Campos Foto: Banco de Imagens

82


Q

uando foi a última vez que você fez um checkup para saber como está sua saúde? Pois é, não temos o hábito de fazer a prevenção, mas algumas doenças são silenciosas e não demonstram sintomas, até já estarem completamente instaladas no organismo, prejudicando o tratamento. Por isso, destacamos a importância de fazer exames preventivos periodicamente. Segundo a Dra. Ana Paula o check-up laboratorial compõe uma série de exames de rotina realizados para avaliar o estado geral da saúde. Os exames que fazem parte de um check-up dependem do sexo do paciente, idade e características próprias, como tipo de atividades realizadas, hábitos de vida e histórico familiar de doenças. Para a médica, não existe uma idade certa para começar a fazer exames preventivos. Mas para ambos os sexos, havendo o hábito de fumar, sobrepeso ou obesidade, antecedentes familiares com doenças metabólicas, cardiovasculares, neoplasias e sedentarismo, deve-se iniciar uma rotina de exames a partir dos 30 anos, com acompanhamento médico. “Quando os resultados estão dentro dos limites da normalidade, os exames devem ser repetidos a cada ano e se alterados, semestralmente, ou a critério do médico, principalmente

havendo queixas sintomas”.

de

alguns

OS EXAMES LABORATORIAIS PARA AMBOS OS SEXOS REALIZADOS NO CHECK-UP: •Glicemia: Dosagem dos níveis de açúcar no sangue, para diagnóstico da diabetes ou das hipoglicemias. •Perfil Lipídico: Dosagem das gorduras circulantes, incluindo o Colesterol total, HDL-Colesterol (Colesterol bom), LDL-Colesterol (Colesterol ruim) e Triglicérides. •Hemograma: permite a avaliação de alterações hematológicas, presença de anemia, infecções ou problemas relacionados ao número das plaquetas. Inclusive alguns tipos de alterações indicativas de neoplasias. •Uréia e creatinina: avaliam a função renal. •AST, ALT E GAMA GT : permitem diagnosticar sofrimento do fígado. •Eletrólitos: Sódio, Potássio, Cálcio, Fósforo •TSH E T4 LIVRE : para avaliação tireoidiana •EAS (Elementos anormais e sedimentação) ou parcial de Urina: ajuda na avaliação de infecção urinária, cálculo renal e alterações renais. •Exames de fezes e sangue oculto nas fezes: para pacientes com queixas intestinais.

Também é recomendado fazer o exame de Vitamina D. “Percebo bastante carência o que pode contribuir para alterações ósseas futuras e Vitamina B12, principalmente em idosos pois evoluem para alterações hepáticas e neurológicas”, diz a médica. Para os casos em que não há antecedentes familiares ou fatores de risco, os exames devem ser iniciados no máximo aos 40 anos de idade e repetidos também a cada ano. “Pacientes portadores de doenças crônicas, como hipertensão arterial e diabetes, a rotina de exames deve ser matis complexa e definida individualmente de acordo com a evolução da doença”.

EXAMES DE IMAGENS NO CHECK-UP Para mulheres a partir de 40 anos, indicado a realização anual de: mamografia, para prevenir o câncer de mama; o papanicolau, e a ultrassonografia transvaginal (quando necessário, para evitar doenças relacionadas ao útero e aos ovários (a partir de 25 anos ou quando vida sexual ativa) e de densitometria óssea, para a prevenção da osteoporose (em mulheres acima dos 50 anos). O eletrocardiograma (ECG), exame para prevenir doenças do coração, deve ser feito em ambos os sexos, principalmente com histórico cardiovascular. Para os homens a partir dos 40 anos é importante realizar o exame de palpação digital da próstata (toque retal) pelo menos uma vez ao ano, para prevenir o câncer de próstata. Além da dosagem de PSA - antígeno prostático específico. A médica ressalta a importância de ter um acompanhamento clínico regular aliado aos bons hábitos de vida saudável e um comprometimento pessoal, para que assim a saúde esteja sempre em primeiro lugar■

83


PUBLIEDITORIAL

Como vai a sua COLUNA? Por Johny Jablonski Fotos: Divulgação

Se você já ouviu que não tem cura, não tem o que fazer e precisa aprender a conviver com a dor, está na hora de rever os seus conceitos ou trocar de profissional.

M

uitos remédios anti-inflamatórios e analgésicos indicados para conter os problemas na coluna apenas aliviam as dores e, em muitos casos, mascaram as possibilidades de uma investigação mais detalhada da situação, retardando o tratamento definitivo e estimulando procedimentos invasivos de forma desnecessária, visando lucro financeiro como se estes fossem a única maneira de tratamento. Estudos mostram que a maioria dos problemas nos músculos, articulações, ligamentos, tendões e nervos são provocados por um movimento e posição de sobrecarga, ou seja, por fator mecânico. Quando identificada essa condição agravante que estimula a dor, é possível corrigir o problema, restabelecendo a função destes tecidos, abolindo a dor rapidamente. A recuperação elimina o problema de forma correta para que não retorne. A falta de uma avaliação mais minuciosa do problema na coluna contribui para que muitos casos deixem de ser resolvidos rapidamente, aumentando ainda mais os quadros de dor crônica. Nestas situações, acaba-se apelando para a administração e uso contínuo de anti-inflamatórios, analgésicos e outras drogas mais

84

potentes e caras que por sua vez podem provocar problemas gástricos, renais ou hepáticos futuramente. É muito difícil obter um diagnóstico adequado e correto nos problemas de coluna, quando a base das consultas e a avaliação física com os testes de movimentos e função são ignorados, e tudo é determinado apenas por exames de imagens, e poucos minutos de consulta. Lembrando que imagem NÃO faz prognóstico. Então por um exame de imagem NÃO é possível determinar se um caso é cirúrgico ou não. Sendo assim os testes determinam sua real situação e nos possibilitam um bom prognóstico e a fisioterapia faz isto com maestria.


Alguns estudos mostram que numa população de pessoas com hérnia de disco comprovada por exames de Ressonância Magnética, 76% delas não sentem dor. E mais, foi comprovado nesses estudos que não existe correlação entre tamanho da hérnia e os seus sintomas de dores diretamente na coluna. Para ficar mais claro o entendimento desse estudo é o mesmo que dizer que num grupo de 10 amigos com hérnia de disco, somente três pessoas relatam dor. Segundo o reumatologista José Goldenberg, professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), “o problema no atendimento aos pacientes com dor nas costas é que a avaliação médica tem sido cada vez mais restrita à realização e à interpretação de exames”. Então desta forma fica claro a importância de consultar um fisioterapeuta de preferência especializado e com muita experiência para lhe ajudar de verdade.

OS BENEFÍCIOS – DO MÉTODO RMA (RECONSTRUÇÃO MÚSCULO ARTICULAR) DO SISTEMA ITC VERTEBRAL. A maioria dos pacientes, quando dispõe do conhecimento adequado sobre o seu problema de coluna, pode fazer o tratamento sem medo e com sucesso. Desmistificamos a doença. Em poucas sessões é possível sentir alívio total dos sintomas e evoluir para a estabilização do quadro e voltar aos exercícios físicos depois com segurança. Permite identificar aqueles pacientes que melhoram rápido, os que respondem devagar e os que não respondem ao tratamento e, por consequência, precisam de outra abordagem terapêutica, onde menos de 10% evoluiu para cirurgia, que depois volta para fisioterapia. O paciente é capacitado, educado, estimulado e encorajado a desenvolver ações que

evitem novas crises e exercícios que minimizem a dor e auxiliam a manter as postura certa e assim melhorarem suas funções gerais de forma normal. As orientações indicadas devem ser realizadas em casa e no trabalho, estimulando o paciente a manter-se ativo durante o tratamento. Pois é mais que sabido que o repouso só piora o paciente e aumenta a sensação de doente. Utiliza metodologia exclusiva, tecnologia diferenciada, evidência científica, atendimento personalizado e muita experiência em todas as suas mais de 80 unidades no país e fora. A a b o rd a g e m d o S i s te m a ITC Vertebral garante um tratamento seguro, eficaz, rápido e de baixo custo, sem medicamento ou cirurgia.■

DR. JOHNY WILLIAM JABLONSKI

Técnico Responsável Diretor Regional da Associação Brasileira de Reabilitação da Coluna Fisiothera/ITC Vertebral Joinville e Balneário Camboriú. JOINVILLE

Caçador,111a, Anita Garibaldi 47 3029-3037 / 9668-4881 joinville@clinicafisiothera.com.br www.herniadedisco.com.br BALNEÁRIO CAMBORIÚ

Andorinha, 76F, Aririba 47 3081-3037 / 9765-4090 balneariocamboriu@clinicafisiothera.com.br www.itcvertebral.com.br

85


PUBLIEDITORIAL

#Projeto Fátima A história de um encontro capaz de mudar vidas. Por Tabata Kadur Fotos: Divulgação

C

om certeza você já ouviu o ditado que diz: “o sorriso é a janela da alma”. Mas e quando são almas que podem abrir portas para um sorriso? O projeto Fátima, idealizado por uma equipe multidisciplinar de profissionais de odontologia da Idea Clinic, buscou através de uma série de estudos e procedimentos, devolver o sorriso e alegria a uma mulher de

88

pouco riso, mas cheia de esperanças. Por meio de sua amizade com o fotógrafo Germano Rocks, Dr. Pedro Rosa Jr., implantodontista, foi apresentado a Fátima, que participou de um vídeo universitário feito por Germano. “Na hora que vi o Fashion Film com a Fátima, falei: vamos tratar essa mulher”. Ele explica que em sua carreira, estava acostumado a ver projetos sociais de tratamentos

em crianças e idosos, mas poucos eram os casos de pessoas em idade produtiva. “No caso do projeto Fátima, tratamos uma pessoa jovem que por alguma razão, perdeu os dentes e a autoestima. Tivemos como objetivo devolver o seu brilho e realmente mudar sua a vida”, explica o dentista. Fátima Alves, conta que assim que recebeu o convite para


participar do projeto, não pensou Fátima, Dra. Tininha Gomes e seu duas vezes: “Quando o doutor marido, Tpd. (técnico em prótese perguntou se eu não me interes- dentária) Reinaldo Nascimento, sava em arrumar meus dentes, eu foram convidados a entrar no falei que sim na hora, claro”, conta projeto agregando ainda mais Fátima, que aos 38 anos diz ter tido a conhecimento para o caso. “Minha oportunidade de realizar um sonho. participação foi elaborar a estética “Foi a realização de um sonho. do sorriso da Fátima, junto com Eu tinha muito constrangimento imagens fotográficas, análise facial com meu sorriso, tampava minha e do sorriso, e planejamento com boca quando ia sorrir. Tinha muita DSD, que é uma técnica de planejavergonha de sorrir na frente das mento digital para ter uma base do pessoas, principalmente pessoas que poderíamos fazer para melhorar estranhas”, declara. o sorriso dela”, explica Dra. Tininha. Contudo, para ser possível tornar Além disso, Reinaldo o sonho de Nascimento ficou Fátima realidade, entusiasmado e . “No caso do muitos desafios também topou projeto Fátima, apareceram participar. Ele é tratamos uma no caminho. proprietário do pessoa jovem que “Em nossa Idea por alguma razão, laboratório cabeça não era Ceramic e colaperdeu os dentes borou com todos tão complexo, e a autoestima. quando receos materiais para as Tivemos como bemos os próteses, desenvolobjetivo devolver vendo o tratamento exames, nos o seu brilho e deparamos personalizado para realmente mudar Fátima a partir da com uma reabilitação grande. sua a vida”, explica segunda cirurgia, Colocamos o em conjunto com o dentista. projeto para Tpd. Karin Goes. andar e precisei Nesta segunda alavancar parceiros para custear etapa também participaram a Dra. o tratamento. Todos toparam sem Luiza Vedova, assim como a auxiliar fazer perguntas”, afirma Dr. Pedro. Rosinete que acompanhou o trataDos exames de radiologia aos mento desde o início. implantes e próteses, todos foram Para acrescentar ainda mais colaborando e a equipe do projeto conteúdo, o Projeto Fátima contou foi crescendo e tomando forma. com a colaboração de profissionais Durante a caminhada com de foto e vídeo. “Quando estávamos

para iniciar os procedimentos com a paciente resolvi comprar um estúdio fotográfico. O Marlon e o Cleber, de quem comprei os equipamentos da Risum Produções, também agregaram ao projeto”, explica Dr. Pedro. Com a produtora especialista em filmes odontológicos o projeto Fátima foi registrado em vídeos e divulgados nas redes sociais ao longo dos meses. Entre todos os procedimentos executados foram no total quase cinco meses de acompanhamento. “Fizemos as cirurgias, colocamos os implantes, e estamos em acompanhamento até finalizar e entregar o caso”, diz Dr. Pedro. “Foi tranquilo e foi tudo muito novo, o Dr. Pedro foi muito atencioso e cuidadoso, e toda sua equipe também. Fui super bem tratada por todos. A recuperação foi calma e sem dor, achei que fosse ser mais complicado, mas não foi”, afirma Fátima. Perto da entrega final do caso Fátima, as mudanças já eram perceptíveis. “Em um dos últimos encontros a Fátima foi de vestido ao consultório, com outra energia. Já notávamos a diferença nela”, relata a equipe. Além de mudar a vida da paciente, Dra. Tininha conta que muitas pessoas acompanharam o caso de longe. “Através do projeto Fátima foi possível mudar a vida de muita gente. Do laboratório, da radiologia, da equipe, das pessoas que participaram da produção dos vídeos. A Fátima trouxe uma maneira diferente

89


de enxergarmos as coisas”, afirma. Hoje Fátima está em processo de adaptação e ajustes e a equipe continua observando de perto a evolução de seu sorriso. “Devolver a dignidade do sorriso, a felicidade e a qualidade de vida de um paciente é o mínimo que devemos fazer como profissionais. Ainda faremos o protocolo cerâmico do caso, mas temos a certeza que cada envolvido teve sensação de dever cumprido”, enfatiza Dra. Tininha. “Finalizamos a primeira etapa do projeto Fátima e eu só tenho a agradecer a todos que nos apoiaram e incentivaram. Sem toda a equipe, nada disso seria possível. Se tivéssemos uma peça a menos não chegaríamos até aqui”, conclui Dr. Pedro.■

DEPOIMENTO FÁTIMA

“O projeto superou todas as minhas expectativas. Ficou muito, muito, muito melhor do que eu esperava. Foi lindo, a hora que me vi, foi uma experiência única. Foi diferente de tudo o que eu senti até hoje. Eu só tenho a agradecer a toda a equipe e as pessoas que cuidaram de mim. São pessoas maravilhosas, anjos que Deus enviou na minha vida. Dra. Tininha, Dr. Reinaldo, Dr. Pedro e toda essa equipe que se empenhou para cuidar de mim, para me trazer de volta o sorriso e a vontade de sorrir. Por me trazer de volta tudo o que tinha perdido com o passar dos anos. Hoje tenho confiança em sorrir, tenho prazer em sorrir. Foi uma das melhores coisas que aconteceu na minha vida, a realização desse sonho”.

FICHA TÉCNICA PROJETO FÁTIMA Paciente: Fátima Alves Idealizadores: Idea Clinic, Dr. Pedro Jaime Rosa Jr., Dra. Tininha Gomes, Tpd. Reinaldo Nascimento Equipe: Dra. Luiza Vedova, Tpd. Karin Goes Sima, Tsb Rosinete Martins. Parceiros: Idea Ceramic, Ícaro Radiologia, Ivoclar Vivadent,Straumann, NSK, Formaden, Besser Foto e vídeo: Risum Produções

DR. PEDRO JAIME ROSA JR. CROSC 10771 Especialista em Implantodontia (47) 9929-1415 drpedrojoinville@hotmail.com /drpedrojaimerosajr @drpedro.rosa

90


DUO ESPORTE

Joinville tem

FUTEBOL AMERICANO

Com um time revitalizado e renomeado, o antigo Joinville Panzers, hoje Joinville Redlions, volta a ativa em 2016 e já recebe destaque pela atuação em campo. Por Tabata Kadur Fotos: Valéria Grams e Geraldo Takanage


E

ngana-se quem pensa que só de JEC vive o esporte joinvilense. O football, ou futebol americano, já bem conhecido e queridinho dos norte-americanos, também ganhou espaço e história em nossa cidade e vem conquistando cada vez mais adeptos e admiradores. A origem do esporte, como conhecemos hoje e em caráter profissional, se deu no ano de 1892, nas universidades dos Estados Unidos, depois de muitas adaptações e fusões com regras do similar rugby. No Brasil, a prática começou a tomar forma em 1986 e o primeiro time de futebol americano se oficializou em Joinville por iniciativa de Dennis Prants. O Joinville Panzers, fundado em 1991 atuou até o ano de 2008, somando 95 vitórias e um empate, sem nunca ter perdido uma partida em toda sua história. Por conta de problemas administrativos e divergências entre a diretoria do time, em 2008 o Joinville Panzers paralisou suas atividades, retomando-as em 2016 com um novo time e outro nome. Surgiu então o Joinville Redlions, tendo como responsável técnico Dennis Prants, junto da diretoria formada por David Taylor Celestino, Guilherme Schapitz e Alferes Camargo.

Segundo os diretores do time, o Redlions iniciou as atividades num campeonato sem divisão, mas levando em consideração o histórico do Panzers, almejaram uma vaga na liga nacional que dá acesso à superliga. “Jogamos e vencemos o primeiro jogo no campo do Fluminense contra nosso maior rival que é o Joinville Gladiators. O jogo não teve muita divulgação mas conseguimos um público de 600 pessoas”, contam. O time fez investimentos em jogadores, trazendo atletas de cidades vizinhas e até do exterior. “Resgatamos atletas do time de Jaraguá do Sul, como o José Castilho que veio liderar a defesa, assim como o Max que é do ataque. Trouxemos veteranos para dar equilíbrio com os novatos”, explicam os diretores. Hoje o time mantém integralmente apenas o atleta que veio do México, com alimentação, moradia e ajuda mensal. A ideia é que para o ano de 2017 o time possa disponibilizar uma bolsa a todos os atletas para custear os gastos relacionados a dedicação ao esporte. “Todos os atletas se dedicam ao Redlions por gostar e acreditar no esporte, não praticam outros esportes paralelos. Ajudamos de todas as formas que podemos,

com suplementação e outros detalhes. Mas os equipamentos, por exemplo, são custeados pelos próprios atletas”, dizem os diretores. O Redlions conta atualmente com 17 apoiadores e um patrocinador máster, que fornecem valores mensais para manter o time e custear as viagens. Os treinos acontecem oficialmente aos domingos, mas nas quartas e sextas, acontece em menor escala de jogadores. A comunidade e as famílias também podem acompanhar os treinos, assim como para as crianças e adolescentes interessados, o time oferece escolinhas para 12 e 13 anos, especialmente para treinar a garotada. Com o esporte adaptado, chamado flag football, sem contato físico, disponibilizam uma iniciação ao esporte. No jogo que aconteceu do dia nove de outubro, o time homenageou o combate ao câncer com a campanha do outubro rosa. Os atletas usaram algumas peças de vestuário em rosa, assim como a plateia foi convidada a vestirem-se de cor-de-rosa e as mulheres receberam flores. Além disso, o time demonstra outras manifestações de preocupação social, como a doação de sangue regular no HEMOSC, e visitas a hospitais da cidade.

93


DENNIS PRANTS X JOINVILLE REDLIONS

O responsável técnico pelo time, ou head coach, Dennis Prants radicado em Joinville, depois de entender que queria seguir como atleta de futebol americano, deixou o trabalho e se concentrou somente no esporte. Em sua caminhada são quase 25 se dedicando aos times de football. Quando iniciou o primeiro time, Dennis morava em Joinville e começou os treinos no campo do Fluminense, com atletas locais, sempre buscando valorizar a cidade e região. “Como fomos o primeiro time de futebol americano do país, devemos isso a Joinville. Queremos que as pessoas daqui conheçam essa história e se identifiquem também”, contam os diretores. Conforme a filosofia do idealizador, o maior diferencial do Redlions é o trabalho, a disciplina e a organização. A busca pela perfeição é o lema, assim como não aceitar derrotas. A preparação pré jogo Também faz a diferença. “Chegamos muito antes nos jogos, nos preparamos. Dennis Prants tem uma filosofia de trabalho que poucos tem, inspirado nos modelos de college do esporte americano, onde é necessário seguir a disciplina e os padrões”.

A Revista Duo conversou com dois destaques do time, para conhecer um pouco mais sobre o esporte e sua atuação em Joinville. José Daniel Castilho que lidera a equipe de defesa, e Rhuan Max que joga na posição de running back, no ataque. Revista Duo - Como começou suas histórias com o futebol americano? Castilho: Sou de Jaraguá do sul e em janeiro de 2011 fiquei sabendo de um try out (seletiva) de um time da cidade. Eu e meu irmão nos interessamos, passamos, e ali começou a minha caminhada no esporte. Foi através do futebol americano e do Dennis Prants que iniciei a minha dedicação ao esporte. Se não seguisse o treinamento que ele passou, não seria nada do que sou hoje. O futebol americano não influenciou só na minha vida, mas da minha família inteira, todos abraçaram o esporte. Hoje sou capitão de defesa, na posição corner back. Max: Sou de Joinville e meu primeiro contato foi com o Joinville Panzers, em 2008. Não conhecia o time, foi meu pai quem indicou para mim e pro meu irmão. Em 2008 fomos a alguns treinos mas o time já estava paralisando. Em 2010 voltei para o futebol americano. Em 2013 fui para o Jaraguá Breakers, onde o coach era o Dennis Prants e joguei até 2015. Esse ano quando recomeçou o Redlions, recebi a proposta do coach para vir para o time e preparar a estrutura aqui para participar da superliga. Minha posição é a de running back, no ataque, que é o corredor e muitas vezes ganha mais visibilidade por conta de fazer os touch downs. Duo - O que significa o esporte e o time Redlions para vocês? Castilho: Pra mim hoje o futebol americano seria tudo. Se tivesse a

94

opção de só viver do esporte, eu viveria. Dentro do time eu procuro ser um líder e mostrar exemplo. Max: Na minha vida o futebol americano entrou como um divisor de águas. Conheço vários esportes, mas acredito que o futebol americano seja o mais completo. Basicamente todos os biotipos jogam, todos têm chance. E depois que você aprende a entender esse esporte e se apaixona, nunca mais deixa de gostar. O futebol americano me deu a oportunidade que não tive em outros esportes. Para o basquete eu era baixo, para o vôlei não levava jeito, para o soccer era pesado. E no futebol americano meu biotipo conseguiu se encaixar. Duo - Porque o Futebol Americano é tão apaixonante? Max: Eu acho que é apaixonante pela estratégia e forma de se jogar. Existem várias estratégias para pontuar, é um jogo inteligente. Comparamos o futebol americano ao xadrez. Castilho: É um esporte de confiança, você depende do próximo. Se não houver um sentimento de confiança da equipe, o futebol americano não tem sucesso. Existe essa questão humana. Duo - Como desmistificar que o futebol americano é um esporte violento? Max: Existe a forma certa de se praticar, de fazer um bloqueio, uma corrida. A lesão faz parte do esporte, sempre vai existir o risco, mas existe a forma certa de se jogar com técnica. Com um bom líder e head coach, a chance de se machucar é muito pequena. Em cinco anos não tive nenhuma lesão séria, com cirurgias.■


PUBLIEDITORIAL

Uma dupla de

SUCESSO As irmãs Leila e Gisele são referência em Joinville quando o assunto é beleza. Conheça a história e a caminhada da dupla de sucesso! Por Tabata Kadur Fotos: Estúdio Reversa

O

desejo de juntar as forças e trabalhar em conjunto fez com que Leila e Gisele Pereira redescobrissem suas profissões e talentos, há 18 anos. Nascidas no Paraná, as irmãs vieram para Joinville quando Leila tinha apenas 11 anos e Gisele 8, por decisão dos pais agricultores que quiseram dar um futuro melhor para as filhas. “Hoje tudo o que temos devemos a sabedoria dos nossos pais”, contam as irmãs. A profissão surgiu de uma necessidade. Leila era secretária e trabalhava em um banco. A ideia de trabalhar com beleza surgiu de forma espontânea quando uma

96

delas quis ser cabeleireira e outra, manicure. Para dar início aos planos, as duas se matricularam em uma escolinha de cabeleireiros e já vislumbraram os primeiros passos do futuro que as esperava. “Foi amor à primeira vista mesmo. O universo do salão nos encantou e pensamos: é isso!”, declara Leila. Das duas, Gisele foi chamada para trabalhar no salão da dona da escola. “A Marcelina, adoramos ela e somos muito gratas”, relembram. Depois de três anos de trabalho, surgiu a oportunidade de trabalho como cabeleireiras no salão Jack Simonéia, onde permaneceram por cinco anos. “A Jack lançou a gente

em Joinville, temos muita gratidão e respeito por ela”, refletem as irmãs. Seguiram fazendo diversos cursos da área e de especialização. Segundo a dupla, nesse ramo não tem uma faculdade que ensine um padrão, e na época em que elas começaram, era tudo muito mais escasso ainda. “Batalhamos muito para nos profissionalizarmos. Toda segunda-feira fazíamos curso, não tinha uma segunda que ficávamos paradas. Todo o dinheiro que ganhávamos, investíamos em novos cursos”, lembra Leila que completa: “A gente se empenha. Quando eu e a Gi gostamos de alguma coisa, realizamos com muita


dedicação. Isso é nosso”. Depois de muito aprendizado na Jack Simonéia, a dupla resolveu ir para o Márcio Vargas, para dois anos depois investir no sonho de ter o próprio negócio: “Tínhamos uma clientela enorme já, precisávamos de assistente, nos faltava comodidade em outros salões. Foi então que surgiu o primeiro espaço Leila&Gisele, na rua Max Colin”, contam. Inaugurado em 2007, inicialmente, o espaço tinha metade do tamanho da estrutura atual. “Desenvolvemos um padrão de trabalho nosso e seguimos ele até hoje. Não havia planejamento, casa, dinheiro, nada. Só as clientes e a força de vontade (risos). As nossas clientes vinham nos ajudar, frequentavam o salão mais vezes por semana para conseguir nos manter. Criamos um relacionamento de amizade e solidariedade. Ficamos três meses atendendo em meios as obras. Temos uma gratidão infinita as clientes que nos acompanharam. Se não fossem elas, não teríamos crescido”. Alguns anos depois, o salão já era um sucesso e a contratação de equipe cresceu. “Não cabia mais gente no salão, agendas lotadas. Ganhamos até a premiação ‘Mulheres empreendedoras de SC’, no programa Fabíola Bernardes”, contam. Hoje, as duas são responsáveis por todas as áreas do salão, do administrativo à parte criativa, e ainda atuam como profissionais

especialistas em mechas, cortes, visagismo, e produções de penteados e maquiagens. Leila e Gisele estudaram em Hob Salons, localizada em Londres e especializada em corte. Gisele fez curso com Orlando Santiago, que é maquiador da Lady Gaga, assim como cursos na Make up Forever. As irmãs também se especializaram

Quando eu e a Gi gostamos de alguma coisa, realizamos com muita dedicação. Isso é nosso”, explica Leila. com Tony Guy, Pivo Point e têm formação como visagistas pelo Felipe Hallwell. E para finalizar o extenso currículo, as duas são embaixadoras regionais Fibreplex e Schwartzkopff. É tanto conhecimento adquirido ao longo da trajetória de Leila e Gisele que as irmãs fazem questão de transmitir tudo que sabem às profissionais do salão. Tanto que as pessoas que trabalham no salão começaram do zero e hoje têm suas próprias equipes lá dentro, com assistentes e a estrutura que precisam, apenas seguindo o padrão do salão. “Nos sentimos seguras em

passar uma cliente para qualquer menina que treinamos. Nossa profissional mais nova tem cinco anos de casa. Não temos uma rotatividade de profissionais”, garantem. O salão conta hoje com uma equipe de sete profissionais especializadas em cabelo. Somando no total uma equipe de 33 profissionais envolvidos no salão. Oferecendo também outros serviços como manicure e pedicure, spa, estética corporal e facial, depilação, massagem desportiva e barbearia. “Tudo o que há no mercado para cabelos e o que é saudável, nós fazemos. Somos contra a escova progressiva e formol. Prezamos muito pela ética e saúde perante as clientes, além de sermos uma empresa bem familiar”. E finalizam: “Atendemos desde a secretária até a dona da empresa. Nosso salão é bonito, confortável, mas não é ostentador e tem um público bem abrangente. Temos muito orgulho de nossa história”. ■

LEILA&GISELE

Rua Max Colin,1440 – América Joinville – SC (47) 3027-3177 / 3026-3176 www.leilaegisele.com.br leilaegisele@leilaegisele.com.br @leilaegisele

97


ESTÉTICA Rosi Blunk

Foto: Banco de Imagens

Depilação sem sofrimento é possível

É

isso mesmo que você leu. É possível, sim, ser depilada e não sentir aquela dor parecendo que estão arrancando a sua pele. Sempre cuidamos do nosso corpo e a depilação é algo que a gente faz, independente da estação. Aqui no meu Studio, trabalhamos pensando sempre no bem-estar da cliente, buscando formas para evitar qualquer desconforto porque, cá entre nós, ser mulher não é fácil. Por isso, criamos um método diferenciado que reduz drasticamente a dor. Vale destacar que a depilação com cera quente, que fazemos aqui, é uma ótima opção, pois a temperatura um pouco mais alta abre os poros e facilita a saída dos pelos, trazendo assim mais conforto. Além disso, com toda a diversidade da mulher, sabemos que cada pele reage de um modo, conforme a cera e a técnica usada.

Ceras com princípios ativos calmantes, são recomendadas para peles sensíveis porque anestesiam e acalmam a pele. Existem outras ceras que podem ser uma alternativa pra ajudar a diminuir a dor, mas a técnica – que se você tiver curiosidade, sugiro que venha até aqui – também é um diferencial de peso. Sem contar que devemos também estar antenadas para alguns sinais do nosso corpo, que indicam quando a pele está mais sensível, como o período menstrual e, neste caso, o ideal é adiar um pouco o procedimento.

Entre em contato e venha nos conhecer. Mande um e-mail para contato@rosiblunk.com.br ou um WhatsApp para a nossa central de atendimento: (47) 9 9632-6361. Eu espero você! ■

99


CASE DE SUCESSO

Medicina correndo nas veias

A angiologista Dra. Andréa Menezes Leite tem a paixão pela medicina e o cuidado com o outro literalmente correndo nas veias. Conheça a história da mineira que se tornou um caso de sucesso na cidade.

Por Tabata Kadur Fotos: Valéria Grams

100

N

atural de Belo Horizonte, Andréa Menezes Leite, desbravou o país antes de estabelecer residência fixa em Joinville. Sempre dedicada e apaixonada pela profissão, alçou voos altos saindo de Londrina, onde cursou a faculdade de Medicina e formalizando sua carreira e caminhada como joinvilense.


ESCOLA CATÓLICA Na infância vivida em Santos, frequentou por todo o período escolar um colégio católico, restrito a meninas. “Foi uma experiência maravilhosa. Foi dessa escola que trago muitos de meus princípios éticos e de cidadania”, relembra a doutora. A escola também prestava serviços assistenciais à comunidade, o que oportunizava às alunas lecionarem na periferia da cidade, e conviverem com diversas experiências sociais. “Fazíamos alfabetização e orientação quanto a saúde nas comunidades locais”, conta. Ainda na escol a, Andréa demostrava mais aptidão para as disciplinas exatas. Destacava-se em química e física, e além de dar aulas para as amigas, começou a ser monitora na escola, o que aumentou sua autoestima. A afinidade com os números fez com que tivesse dúvidas quando chegou o tempo do vestibular. Os cursos elegidos eram Engenharia Química e Medicina. “Tomei a decisão de fazer a Engenharia, passei na Unicamp e fui”, declara.

A ESCOLHA PELA MEDICINA Depois de dois anos e meio de curso, Andréa percebeu que talvez fosse o momento de repensar sua escolha. “Resolvi fazer aquilo que desde criança eu já sentia que seria. Resolvi ser médica”. Por conta do novo endereço dos pais, a prova de vestibular foi feita novamente, mas dessa vez para Londrina e Andréa ingressou no curso de Medicina na UEL (Universidade Estadual de Londrina). Ainda menina, descobriu a vocação para cuidar dos outros: “Eu sentia que podia cuidar de alguém. Gostava de ver sangue (risos), de fazer curativos e cuidar dos outros”, conta a médica. Seu pai, portador de uma doença cardíaca, fez com que a menina curiosa tivesse mais proximidade e familiaridade com a medicina. Sua condição fazia com que de tempos em

tempos ele se submetesse a procedimentos cirúrgicos, o que requeria cuidados e atenção dos familiares em casa. “Numa das cirurgias ele teve complicações com os pontos e quem fazia seus curativos era eu, com apenas sete anos”, recorda. Já formada na UEL, Andréa relata que sempre se encantou pela área cirúrgica. “Logo fui me especializar em cirurgia oncológica e depois me envolvi com a área da oncologia, por acreditar que poderia contribuir no meio com pesquisas e estudos”, conta. Nessa época, seu pai precisou de assistência, o que a fez largar a residência e cuidar da família e dos negócios em Londrina pelo período de um ano. Na volta para a especialização, Andréa decidiu cursar cirurgia geral e depois cirurgia vascul ar na Escol a Paulista de Medicina, onde também cursou seu mestrado.

“A Fleboestetica (tratamento de doenças varicosas) do Brasil é referência no mundo, o que nos traz muito orgulho”

101


CASE DE SUCESSO

A CARREIRA E JOINVILLE A convite de um amigo da área médica, para trabalhar com cirurgia vascular em Joinville, Andréa saiu da agitada São Paulo onde residia, para a tranquila cidade das flores. “Meu colega estava precisando de um cirurgião vascular, pois estava sozinho no SUS . Aceitei o convite e vim”. Depois de prestar os concursos do estado e do município em 2001, assumiu ambos os postos. “Vim para Joinville sozinha, com um filho de seis meses, na época era casada e meu marido tinha

ficado em Londrina por conta do emprego”, relembra. A nova rotina não era fácil, os plantões eram revezados de 15 em 15 dias com seu colega de profissão. Como não tinha família em Joinville, e ainda estava fazendo os primeiros laços, Andréa levava seu filho Lucas, ainda bebê, para o hospital. “Eu era obrigada a levá-lo junto. Eu operava e ele ficava com as enfermeiras na sala de recuperação (risos)”, revela. Com o tempo o corpo clínico foi aumentando na rede pública, e Andréa foi convidada a participar da equipe da

“O centro cirúrgico para mim, é o melhor lugar do mundo. Me sinto no meu porto seguro, ali é meu lugar”.

102

Angioclínica. “Fiquei na clínica por 10 anos, só saí em função do espaço que estava mais restrito. Os colegas e a clínica eram excepcionais”, afirma. Com um passe ousado, mas necessário, Andréa abriu sua própria clínica em 2016, com duas salas de procedimento, muito conforto e espaço necessários para atender seus pacientes. Hoje, Dra. Andréa tem sua atenção voltada a sua nova clínica e seu filho Lucas, de 15 anos, que até pouco tempo falava em seguir os passos dos pais, ambos médicos. A profissional opera em todos os hospitais da cidade, além de realizar procedimentos na clínica. Sua rotina é ativa e agitada, “acordo 05h30, corro segundas e quartas, terças e quintas faço personal com treino funcional. Nos fins de semana eu corro e ando de bicicleta” afirma.


mudando e decidi tomar uma atitude. Também tenho na família muitos exemplos de pessoas mais velhas ativas fisicamente. Comecei com a corrida, tomei gosto e estou há três anos no esporte. Além disso, participo de um grupo de bike. Por fim, amo viajar. Ao menos uma vez por ano tento me programar para sair. Gosto de ler e dançar também (dança de salão), além de línguas estrangeiras.

CURIOSIDADES SOBRE DRA. ANDRÉA MENEZES LEITE Duo - Como foi sua recepção na cidade de Joinville? Dra. Andréa: Vim de uma capital, então no início o baque foi grande. Aqui o meio médico é muito fechado, é conhecido por ser bairrista. Mas como entrei via hospital fui muito bem recebida e fui quebrando barrerias. Depois também fui chamada para atuar pela Angioclínica, onde fui muito bem recebida. Sou muito grata a eles. Hoje eu amo a cidade. Aprendi a conhecer e a fazer laços, tenho uma segunda família aqui. Além disso, adoro o fato de que estamos perto da praia e do campo. Duo - Quem é a doutora Andréa fora da medicina? Dra. Andréa: Amo atividades físicas. Tomei isso como um lema: envelhecer bem. Com o passar dos anos percebi que meu corpo estava

Duo - Como se sente quando está no centro cirúrgico? Dra. Andréa: O centro cirúrgico para mim, é o melhor lugar do mundo. Me sinto no meu porto seguro, ali é meu lugar. Eu gosto de fazer consultório também, mas é mais tranquilo. Amo quando tem procedimento, gosto da prática mesmo. No consultório realizamos escleroterapia convencional para o tratamento de microvarizes, escleroterapia por espuma densa para varizes de maior calibre, o que auxilia o tratamento de senhorinhas que jamais poderiam ser submetidas a cirurgias convencionais, entre outros casos. Realizamos também a escleroterapia ampliada, que permite tratar varizes evitando o procedimento cirúrgico. A Fleboestetica do Brasil é referência no mundo, o que nos traz muito orgulho. Duo – O que lhe fez optar pela Angiologia? Dra. Andréa: Para trabalhar com Angiologia, é preciso ser um profissional completo. Em geral, nosso pacientes apresentam um compilado de doenças, o que nos demanda ter um vasto conhecimento da medicina, que engloba o conhecimento clínico, cirúrgico, tratamentos endovasculares e a realização de exames de imagem como o doppler vascular. Isso é o que mais me encanta nessa profissão, a possibilidade de atuar em todas essas áreas. ■

Dra. Andréa Menezes Leite Cirurgia Vascular | Membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular CRM-SC – 9627 anggio@anggio.com.br R: Henrique Meyer, 280 - Sala 610/611 (47) 3278-8675

103


FABÍOLA BERNARDES E-mail: fabiolacolunista@terra.com.br Site: www.fabiolabernardes.com.br Siga no twitter - @FabiolaBernarde Facebook - Fabíola Bernardes

Suzana Berkenbrock da Promoboo com Fabiola Bernardes

Barbara Conte e amigas

Camarote Ivonete Teodoro

36º Festa Estrelas com Champanhe Mais uma edição da nossa Festa Estrelas com Champanhe. Mulheres felizes celebrando a vida. Obrigado a todos os nossos parceiros pela realização da festa que foi um sucesso total! Parceiros: A estrela maior ficou por conta da decoração feita pela super competente Eliane Karam em parceria com Impactus Eventos que disponibilizou vários móveis para complementar a decoração. O painel de entrada elaborado por Balões Criativos ficou o máximo! Mesa de doces da entrada ficou por conta da Bombom Art que fez tudo personalizado, caprichadíssimo e saborosos! E NP Eventos também trouxe novidades em docinhos finos. Loco por Bolos também recebeu nossas estrelinhas com uma linda mesa de bolos de 20 sabores diferentes. O bolo especial foi feito pela querida Rosi Reis que já é praxe de nossos eventos e também das nossas estrelinhas nas comemorações especiais. Nos camarotes as estrelinhas ganharam uma caixa de doces finos e deliciosos da Chocolate com Glacê e também bolachas decoradas da Doce Mania, uma gracinha e igualmente deliciosa! DJ Fabinho Correa arrasou nas músicas e manteve a pista cheia o tempo toooooooodo, um verdadeiro espetáculo junto com Muito Mais som sob comando do Vilmar e toda sua equipe mega dedicada. Os cliques ficaram por conta das fotógrafas Gi Cerutti e Jessica Veiga Silva que também convidam para ver as outras fotos no site delas. Na saída, todas ganharam da Queen Pipoca Gourmet que apresentou sabores diferentes e super criativos. Dúvida se a festa foi maravilhosa???? Nenhuma!!! Amo todos nossos parceiros pelo comprometimento e indico!!! Fotos- Gi Cerutti e Jessica Silva

Camarote Cléria Souza

104

Camarote Ticiane Campos

Ana Bencz da Balões Criativos com sua turma

Fabiola Bernardes

Camarote Maura Hinselmann

Fabiola Bernardes e Jack Simonéia

Ieda Isoton, Fabiola Bernardes e Fabiane Zimmermann


FABÍOLA BERNARDES

Gillian Paula Maia e suas amigas

Kelly Veneri e suas amigas

Camarote Casa da Amizade

Joice Maria Cipriani da Loja Lez a Lez, Fabiola Bernardes, Jaqueline Grendene da Grendelli Calçados e Charlene Sesering da Chocolate com Glacê

Leidimara de Oliveira, Maria Eduarda Savtchen, Fabiola Bernardes e Amanda Savtchen

Patricia Voigt Socher e Fabiola Bernardes

Gi Cerutti, Jessica Silva fotógrafas da festa e Ana Bencz da Balões Criativos

Parceiro Louco por bolo e sua equipe

Nicole Bogo e suas amigas

Fabiola Bernardes, Regina Reis e amigas

Camarote Gy Knies e Cidinéia Henz

106

Leila Maria Bossoni da Doce Mania e Elenise Scheel da Bombom Art

Camila Siduoski Rudnick e suas amigas

Camarote Maura Hinselmann


FABÍOLA BERNARDES

Ligia Sampaio e amigas

Equipe do parceiro Queen Pipoca Gourmet

DJ Fabinho Correa

Camarote Roberta Buss Rocha

Gina Devienne e Cecilia Longo Coelho

Nicole Bogo e suas convidadas

Aline Mira

Dilmara Fedrigo, Marcia Dalcastagne e Tomasia Moreira

Camarote Gy Knies e Cidinéia Henz

Camarote Cecilia Longo Coelho

Janaina Krzeminski e suas convidadas

Equipe Jack Simonéia

Camarote Ivanise Vieira

Camarote Lene Freitas

Camarote Joice Stein

Camarote Adriana Silveira

107


FABÍOLA BERNARDES

Simone Deretti e amigas

Eliane Karam com Adriane Borges

Camarote Samira Rodrigues Ana Claudia de Oliveira e amigas

Mesa Dietlein Reimer e Elzinha Schrwartz

Bruna Ferreira e Fabiola Bernardes

Camarote Josi Mallmann

Debora Barcellos e amigas

Fabiola Bernardes @FabiolaBernarde Fabiola Bernardes

Fabiola Bernardes e Susane Raiter

108

Assista no Canal 26 NET Joinville Diariamente às: 08h - 10h13h – 16h – 17h 20h - 23h e meia noite. INÉDITO: 22 h


SAMANTHA TEENKIDS APRESENTA...

Fotos: Algodão Doce

...UMA TARDE NO PARQUE EXPOVILLE

Gabriella

Gabriela e Isabela

Stephany

112


SAMANTHA TEENKIDS

Vinicius

Rafael

Rafael

Guilherme

SEMPRE AO SEU LADO RETRATANDO AS MELHORES FASES DA VIDA! Rua Alexandre Dohler, 75, Centro Joinville/SC - (47) 3028.3326 WWW.SAMANTHATEENKIDS.COM.BR

113


SAMANTHA TEENKIDS

Fotos: Algodão Doce

João Francisco

Maria Clara

Lorenzo Sophia

114

Agradecimento: Parque Expoville


SAMANTHA TEENKIDS

Vicenzo Vinicius e Rafael

Leonardo

Pedro Davi

SEMPRE AO SEU LADO RETRATANDO AS MELHORES FASES DA VIDA!

115


SOCIAL A Mega Construtora entregou mais um empreendimento , dessa vez o Edifício Bella Fiore, situado na rua Tangará, no 90, bairro Iririú . Na ocasião, clientes, amigos e futuros moradores conheceram o decorado e se encantaram. Fotos : Valeria Grams.

Vanessa Sawulsky Sousa e Gerson Sousa

Cliente Bruno V. da Silveira e namorada Tatiana Rohricht

Clientes Erivelton e Gabriela Ramos

José Agostinho Barauna e Elizabeth B. M. Baraúna

Clientes Rodrigo e Cristiane Viotto

116

Vanessa Sawulsky Sousa e filha Monique Sousa

Clientes Cyro Pellizzari. Viviane A. Pellizzari e Iara Koentopp

Clientes Alvino J. Huguinim, Juliana V. Schwaab com Janete da Saguaçú Imóveis

Gerson, Vanessa e filho Fillipe Sousa

Clientes Elton J. Eggers e Edina V. de Lima

Vania Sawulsky e Joviano Figueiró

Vanessa Sawulsky Sousa e família

Cliente Ana Luiza Possenti e namorado Leonardo Kroetz Martins

Clientes Paulo, Dilma P. da Silva e familia

Clientes Fernando da R. Miranda e Andréia Martins

Cliente Emanuel R. Felipe e família

Clientes Tayná Barauna e Rodrigo Dondé

Clientes Rodrigo e Edimara Grunewald

Gerson Sousa e família


SOCIAL Lojas Flamingo em Joinville abrem suas portas em novo endereรงo e recebe clientes e amigos para conhecer a nova casa na rua Max Colin, 1010 | 3433 5378.

Toni Furtado, Adriane Pereira, Aldo Serpa

Emilio Schramm, Adriane Pereira, Roberto Schramm, Aldo Serpa

Elisa Chiari, Simone Souza, Ana M. Lopes

Katia Reinert, Janaina Vieira, Janaina Truppel, Bruna Pereira

Roberto Schramm, Vicky Schramm

Adriane Pereira, Marise Sabino, Ismael da Cunha

Denise Ribeiro, Maria Horto.

Roberto Schramm, Carlos Bust Aldo Serpa, Ana M. Lopes, Adriane Pereira, Gabriela Oliveira, Nicole G. de Souza, Elisa Chiari, Marcos A. Ruck.

Katia Colli, Rita Vieira, Vicky Schramm, Fernanda da Silva

Develon Rocha,Adriane Pereira e Flavia Schramm da Rocha

117


SOCIAL Jantar do Prêmio PODHIUM que aconteceu no dia 07 de outubro no Restaurante Rudnick.

Arterra Móveis para Escritório

Auto Primer Oficina de Lataria e Pintura

Cartuchos Joinville

Centro Odontológico Volte a Sorrir

Clínica de Estética Firenza

Contra Chama - Equipamentos Contra Incêndios

Decorações Éder

Dedetizadora Joinville

Digsom Clínica de Reabilitação Auditiva

Dogana Brasil Assessoria Aduaneira

Dr. Coelho Neto (Representado por Rodrigo Berbi)

Destramed

Dr. Gastão Schwarz Jr. (Representado por Jaqueline e Priscila)

118

Auto Escola Água Viva

Drogaria Coradelli 24 horas

Chocante Festas

Equipe Podhium

Churrascaria Baby Búfalo

Floricultura Central das Flores


SOCIAL

Fonte Fomento - Factoring

GASTROCENTRO

Gráfica Nacional

Ideal Emergências Médicas

Imobiliária Zattar

JC Cópias

Kib’s Comida Árabe

KN Placas para Veículos

NV Marmores e Granitos

Place Car Sound - Som Automotivo

GTruck Logística Automotiva

Josias Cardoso - Contador

Madeireira Mato Grosso

Mani Som e Luz

Ortopedia Filipe

Ótica Santa Catarina

Platoville Auto Center

Miro Cabines Fotográficas

Rádio Clube AM

119


SOCIAL

Rádio Nativa FM

SDN Automação Comercial

SENAI

Sindicato dos Comerciários

Tecno Obras

TWI Elevadores

Vidro Muller

120

Revista DUO

Vogel Painéis e Outdoors


FABÍOLA BERNARDES E-mail: fabiolacolunista@terra.com.br Site: www.fabiolabernardes.com.br Siga no twitter - @FabiolaBernarde Facebook - Fabíola Bernardes

1.

2.

3.

4.

Turma da Cuca lança Coleção Primavera/Verão 2016 Lançamento da Turma da Cuca, como sempre, teve seu destaque na passarela com lindas crianças. A estação é super colorida. Os looks estão com uma cara mais fresquinha, combinando conforto e estilo. Minéia e Jackson agradeceram a presença de familiares e convidados, oferecendo um delicioso coquetel pós-evento. Fotos por: Gabriel Richartz Philuz Iluminação apoia lançamento do Projeto de Eficiência Energética da CDL Sidney e Débora Barcellos em parceria com CDL promoveram um evento direcionado a arquitetos e decoradores durante todo o dia. As palestras aconteceram durante o período da tarde para um público específico e a noite aberto ao publico. Fotos por: Cleber Gomes Jack Simonéia Inaugura Salão no Garten Shopping Jack Simonéia acaba de abrir ao público no Garten Shopping um espaço de beleza, estética e bem estar. Seu novo salão possui áreas destinadas a cada cuidado específico, cabelo, esmalteria, manicure, pedicure e podologia, além do spa de mãos e pés. A grande novidade é o Espaço Festa e Kids, para noivas, formandas e debutantes e para as crianças, primeiro corte e manutenção. Já para o público masculino, oferece completo serviço de barbearia. Fotos por: Jéssica Machado Coradi e Junior Coradi Inauguração do Pizza Place e Sky Bar do Ritz Class Tivemos o prazer de participar do Happy Hour de inauguração do Espaço Pizza Place e Sky bar da piscina no último andar do novo edifício Ritz Class da Belmmen Realty que tem uma pegada bem diferente e interessante! O lugar é ideal para apreciar o pôr do sol. Os convidados tomaram drinks elaborados pelo barman servido com deliciosas pizzas! O novo empreendimento é maravilhoso, espaço super legal para receber visitas, com uma vista incrível da nossa cidade. O evento aconteceu em parceria com a Florense Joinville que fez toda a parte do mobiliário.

1.

1.

Jackson Paul e Minéia Giacomelli Paul com os filhos Patric e Yohan Paul

Mariana Tordivelli, Fabiola Bernardes e Minéia Giacomelli Paul

2.

Sidney Daniel Do Vale e Débora Barcellos com patrocinadores do evento

2.

3.

Jack Simonéia com o esposo Marcelo Schlachter e os filhos Brenda e Bryan

Débora Barcellos

4.

3.

Jack Simonéia com Larissa Schuetzler Hardt - Fotos por Jéssica Machado Coradi e Junior Coradi

Mauricio Ribeiro e Indio Negreiros da Costa

4.

3.

Jack Simonéia com o esposo Marcelo Schlachter e seus pais Ademar e Bety Souza

122

Diego e Luciana Pretto com Ieda Isoton e Mateus Novelli


FABÍOLA BERNARDES 5.

5. Baile da Esmeralda 2016

A Sociedade Harmonia Lyra recebeu mais uma vez os médicos da Sociedade Joinvillense de Medicina que anualmente comemoram seu dia com o maravilhoso Baile da Esmeralda. Os Homenageados receberam obras de arte do artista Marcos Avancini. A festa foi muito bonita e muito prestigiada. Aproveitamos a oportunidade para parabenizar a todos os médicos da nossa cidade. Fotos: Max Schwoelk

Diretoria Sociedade Joinvilense de Medicina

5.

Homenageados

6. Marcelo Harger faz palestra na 5.

5.

Vanessa Bogo e Antonio Garcia

ACIJ O advogado e escritor Marcelo Harger palestrou na ACIJ com tema “Os reflexos empresariais das medidas anticorrupção”. A população brasileira tem aplaudido as medidas de combate à corrupção. As decisões tomadas, no entanto, trazem reflexos as empresas e seus diretores. Esse foi o tema de Marcelo Harger que foi muito bem recebido, inclusive com coquetel, na ACIJ. Fotos Max Schwoelk

5.

Edwin Schossland e Sandra Regina Timm

7.

Juçara e Gastão Schwarz

7.

7. Lelitá Boutique Equipe Lelitá Boutique Angelita Carnin, Evelise Meurer e Rubia Siqueira

Evelise Meurer com equipe e clientes

5.

6.

Equipe Harger Advogados - Rogério Marques da Silva, Rogério N. Mendes, Luana Kostantiuk, Marcelo Harger, Jéssica da Maia, Thiago Krelling e Cintia Gottard

Carlos Antônio Stabel Daudt e Luciane Monica Deboni

8.

6.

Evelise e equipe celebraram uma grande conquista. O caminho foi longo, fruto de muito trabalho duro, de dedicação, sacrifício, entrega e persistência, mas então, tudo valeu a pena, pois acabam de inaugurar as novas instalações da Lelitá Boutique. Posso afirmar que tudo isto é resultado da paixão que colocam no trabalho que realizam. Evelise emocionada agradeceu as amigas, clientes e parceiros e ressaltou o carinho, respeito e gratidão a todos. Acompanhe as novidades da Lelitá Boutique pelas redes sociais. Fotos Susamara Maia

8. CRIARE lança novo show room

Marcelo Harger

124

Fabiola Bernardes, Liani Stein e Geraldo Melo

O coquetel de inauguração do novo show room da CRIARE foi prestigiado por amigos e parceiros que conferiram as novidades apresentadas, e inclusive com a presença do pessoal da fábrica que não economizou elogios para a gestão dos empresários Geraldo Melo e Liani Stein.


CRÔNICAS DA VIDA REAL Márcia Tasca

Sobre árvores de

Foto: Banco de Imagens

NATAL V

ou confessar pra vocês, durante toda minha vida me imaginei montando uma gigante e linda árvore de natal junto com a minha família, com enfeites adquiridos ao longo dos anos, tons que combinam entre si, pelúcias, papais noéis variados e bolas brilhosas. No meu projeto, as crianças e marido ajudam felizes e saltitantes a compor aquela que será nossa obra de arte. Sorrisos no rosto, conversas sobre presentes, um momento realmente mágico. Aí esse dia finalmente chegou aqui em casa: comprei uma árvore de 2,10m e complementei os enfeites, faltando apenas o “happy day”. Ao iniciar a montagem já me deparei com a primeira dificuldade.... “abrir” os 382 galhos da querida árvore gigante. Marido veio ajudar, e ele até iniciou bem, mas a partir do quarto galho, apenas fingia abrir os raminhos... e já tomou uma bronca que o fez desistir de tudo e beber uma cerveja. Em paralelo,

126

meu filho capturou um cordão de bolinhas para fazer de corda de pular e minha filha pegou três ursos de enfeites e colocou na sua caixa de brinquedos na intenção que eu não percebesse. Eu, tentando manter a calma, sorri e pedi a ajuda de todos novamente. Com palavras de incentivo e “vamos começar de novo”, todos me deram uma segunda chance. Iniciei minha divisão de decoração enquanto eles abriam - mal e porcamente - os galhos da árvore que agora parecia ter 4,28m de altura. Separei bolas por cores e tons, caras de papai noel, corpos de papai noel, renas do Polo Norte e Polo Sul, enfeites mais feios (aqueles que enfiamos na parte de trás da árvore), enfeites lindos (aqueles que colocamos na área central do campo de visão das visitas e fotos), bichos naturais da terra do bom velhinho, demais bichos de outras origens e regiões. E assim sucessivamente. Aí de repente, assim, sem permissão, meus filhos e marido

- que tinham acabado de abrir todos os 1237 galhos da árvore iniciaram o processo de enfeitá-la. Sem organização e procedimento, penduravam aleatoriamente os itens... três bolas iguais a menos de 23 cm de distância, enfeites feios na frente, renas enfiadas no meio dos galhos mal abertos. Uma afronta a todo meu sonho e organização. O resumo da noite foi: homens desistindo em 3,2,1 segundos após iniciarem a ajuda e a pequena me olhando com cara “Hey, esta árvore não seria por minha causa?!”. Mas algo, mais forte que eu, me fez correr com todo mundo de perto e montar sozinha a árvore de natal gigante, para meu deleite. Ao final de tudo escrevi uma cartinha pro Papai Noel pedindo de presente, para me tornar uma pessoa melhor, com mais paciência em montagem de árvores... aproveitei e pedi a criação de um cursinho básico “Como famílias montam árvores organizadas e lindas” pra que minha família possa participar. Vai que rola!■


Revista Duo - 043  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you