Page 1

mercadoeeventos.com.br

REPORTAGEM ESPECIAL

FOLHA DO TURISMO

Turismo: a estratégia dos dois maiores vendedores Junho/2013 - 1ª quinzena - Ano IX - Nº 225 - Tiragem: 16.400 exemplares

Luís Paulo Luppa, presidente da Trend, e Valter Patriani, superintendente da CVC, revelam a receita. Páginas 16 e 17 RioTur

ENTREVISTA

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Rio de Janeiro

1

Michael Barkoczy

A receita para o sucesso da Flytour Viagens. Página 3 AGENDA

Reinauguração do Maracanã

Maracanã, a reabertura do templo do futebol

Festival das Cataratas em Foz do Iguaçu, BHIC e Avirrp movimentam agenda em junho. Página 38

A cidade vive a partir deste mês a temporada de eventos que inclui a JMJ em julho. Páginas 18 e 19 AGÊNCIAS/OPERADORAS

EVENTOS

AVIAÇÃO

MTur relança Regionalização no Encontro Nacional do Turismo

Visit USA traz novos expositores e tem crescimento de 25%

Programa de Regionalização tem novas diretrizes e envolve estados e municípios turísticos. Página 34

Eventos realizados no Rio de Janeiro e em São Paulo reuniram mais de 2.400 agentes. Páginas 36 e 37

O ministro do Turismo, Gastão Vieira assina o decreto

Tam anuncia mudanças na presidência Claudia Sender assumiu a presidência em lugar de Bologna, que passa a cuidar do operacional. Página 10

Jussara Haddad com patrocinadores e membros da delegação dos Estados Unidos

Claudia Sender, presidente da Tam

Pernambuco investe na participação em feiras e anuncia parceria com Trend e M&E para WS da operadora. Página 32 SUPLEMENTO AVIESTUR Aviestur em Holambra teve 2,7 mil agentes de viagens. Confira suplemento especial encartado nesta edição

AGÊNCIAS E OPERADORAS

Abav premia agentes e abre inscrições

12

CRUZEIROS

MSC e CVC comemoram parceria

14

EXTERIOR

Miami CVB capacita 500 agentes em BH, Rio e SP 31 EVENTOS

Costa Brava promove Fórum na festa dos 25 anos

Nascimento Turismo capacita agentes no Rio e SP

Stock Car é sucesso e beneficia hotelaria 35 de Salvador

Evento foi marcado pela premiação a parceiros e anúncio de acordo com a Tap. Página 13

Roadshow e palestras tiveram como foco os destinos de Alagoas e Maranhão. Página 12

BRASIL

Embratur mantém Goal to Brasil e Melhor Idade Mauro e Rubens Schwartzmann

Equipe da Nascimento Turismo com Renata Ribeiro, da Setur-MA

Confira novidades do Visit Florida e descubra as atrações que o Estado oferece. Páginas 20 a 30

6

HOTELARIA

Paradisus Punta Cana aposta no mercado brasileiro

8


2 Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena


ENTREVISTA

Flytour Viagens comemora mais de 67 mil pacotes vendidos Anderson Masetto

abrimos as portas até agora. M&E - Isso está dentro das metas previstas? Michael Barkoczy - Sem dúvida. Eu diria que está muito dentro do nosso plano de metas para o primeiro ano de operação, uma vez que as vendas de forma efetiva entre julho e agosto.

M&E - Qual balanço você faz do primeiro ano de atividades da Flytour Viagens? Michael Barkoczy - Iniciamos no dia 21 de maio de 2012. Atrasamos um pouco, pois esperávamos começar entre janeiro e fevereiro. Quando lançamos o projeto em setembro de 2011 já tínhamos esta intenção, mas por conta do sistema lançamos em maio e começamos a fazer um road show de vendas pelo Brasil. Demoramos um mês e meio para fazer tudo. Isso significa que entramos na temporada de julho com ela quase toda vendida. Para mim a operadora começa a valer de verdade em janeiro de 2013. A verdade é que cada dia que passa o mercado começa a enxergar mais a Flytour como uma operadora que veio para ficar mo mercado.

M&E - Vender para todo o Brasil é uma das estratégias da Flytour Viagens? Michael Barkoczy - Acreditamos que uma operadora não pode atender apenas o estado de São Paulo. A Flytour Viagens foi criada para atender o Brasil inteiro. Estamos cada vez mais indo para outros mercados, com desempenhos muito bons em Minas, Rio Grande do Sul, Distrito Federal e em todo o interior de São Paulo. Cada dia que passa vamos trazendo um estado novo para dentro da casa.

M&E - Como foram as vendas neste período? Michael Barkoczy - Trabalhamos a baixa temporada e o segundo semestre de 2012, que não foi bom para o Brasil. Todo mundo reclamou. Mesmo assim, fizemos boas vendas, com um total de 67.694 pacotes do momento em que

M&E - O que a Flytour Viagens está preparando para este segundo ano? Michael Barkoczy - Estamos com muitos planos. Agora vamos aumentar muito as vendas porque começamos a fazer block charters saindo de todo o Brasil. Esta foi uma mudança muito grande. Começamos a fazer um trabalho forte em outros estados para pulverizar as vendas.

M&E - Os road show que vocês fizeram tinham este objetivo? Michael Barkoczy - Sim. Isso faz uma grande diferença. Queremos que as outas agências enxerguem que tem alguém para contar como uma operadora globalizada. Só conseguimos captar isso quando começamos, junto com a equipe, a viajar pelo Brasil que oferece uma infinidade de oportunidades. Temos que sair atrás desses negócios. Cada vez que viajo vem um novo negócio. M&E - Você falou dos agentes de

M&E - Nesse caso a comissão será igual? Michael Barkoczy - Ainda não temos isso definido, mas poderá sim ser menor. Entendemos que hoje quando alguém compra através de um portal o agente não ganha nada, pelo contrário. Perde a venda. Queremos que o agente de viagens ganhe dinheiro junto com a gente. Com a Flytour ele vai ganhar sempre. Michael Barkoczy, presidente da Flytour Viagens

viagens. Qual foi o papel deles neste sucesso da Flytour Viagens? Michael Barkoczy - Em nenhum momento nos arrependemos de ter escolhido os agentes de viagens para serem os nossos vendedores e divulgadores. A verdade é que percebemos que eles estavam carentes e precisando de uma operadora que os apoiasse. E entendemos que a cada dia mais agentes começam a entender que a Flytour é uma opção que não vai concorrer diretamente com eles. Tudo que fazemos tem o propósito de atender o agente de viagens. Tudo que colocamos no portal é para eles. Hoje o cliente acessa e se quer comprar um pacote tem o geolocalizador, que ele pode entrar e escolher a sua agência de preferência. M&E - Mas vocês estão preparando um portal para o público final. Michael Barkoczy - Estamos preparando o site B2C direto ao público. Mas será um portal diferente. O cliente vai entrar e comprar, mas quando for fechar

M&E - Quais foram as principais dificuldades neste primeiro ano? Michael Barkoczy - A Flytour tem 38 anos de existência. É um nome extremamente forte e reconhecido, que tem um respeito muito grande em todo o mercado. A experiência para fazer uma operadora a gente tinha e quando temos isso aliado ao nome do grupo, fica tudo mais fácil. Já existia um respeito ao nome Flytour tanto dos hoteleiros como das companhias aéreas e dos agentes de viagens. Então, tivemos problemas? Eu diria que, graças ao nome da Flytour, não. M&E - Então, o que deu mais trabalho neste primeiro ano? Michael Barkoczy - O maior problema de todo mundo é conseguir fazer com que a tecnologia funcione. Para uma operadora não basta ter todos os produtos na prateleira e saídas de todo o Brasil. Isso é obrigação. Então a dificuldade hoje em dia é a tecnologia. Sem isso não se vai para lugar nenhum. Foi o mais complicado, mas hoje o nosso sistema é considerado pelos agentes como um dos melhores

do mercado. É difícil conseguir fazer isso em apenas um ano. M&E - A Flytour Viagens está ficando conhecida pelas festas. Fale um pouco desta estratégia. Michael Barkoczy - A nossa primeira experiência foi com a festa da Avirrp, no ano passado. Foi um sucesso total com a participação de mais de 1,8 mil agentes de viagens. Agora, junto com a Empetur, fizemos a festa da Aviestur e faremos novamente na Avirrp. A verdade é que o retorno é muito grande. Logo depois de cada evento deste as vendas sobem em pelo menos 20%. É um momento em que temos o contato com o agente, pois ele entende que estamos fazendo aquilo para ele e fazemos bem feito. Percebemos que ele sai feliz e isso faz com que a nossa marca seja lembrada por um bom tempo. E vamos continuar fazendo festas. M&E - Até agora todas essas festas foram no interior de São Paulo. É o principal mercado da operadora? Michael Barkoczy - A região já representa 30% das nossas vendas e compossibilidade de crescimento. O estado de São Paulo é o nosso principal mercado, com 60% do total das nossas vendas. Depois vem Minas Gerais, que é bem forte para nós, Distrito Federal e Rio de Janeiro. M&E - Qual foi o investimento para colocar a Flytour Viagens em operação? Michael Barkoczy - No início calculamos um investimento de R$ 40 milhões. Disso já consumimos cerca de R$ 15 milhões, principalmente em tecnologia. No entanto, já percebemos que cada dia que passa precisamos de menos investimentos porque a operadora começa a pagar os próprios custos. Já não acreditamos mais que vamos gastar toda esta quantia. Isso é uma vitória.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

A Flytour Viagens entrou em operação no dia 21 de maio de 2012. No dia do aniversário de um ano da operadora o seu presidente, Michael Barkoczy, concedeu uma entrevista ao M&E para falar sobre o sucesso da empreitada, que encarou junto com o amigo e hoje vice-presidente da empresa, Clayton Armelin. Neste primeiro ano as metas foram atingidas, mas o executivo quer ainda mais e afirma que o mercado já percebeu que esta é uma operadora que chegou para ficar. Entre as estratégias, a venda exclusiva por meio dos agentes de viagens, saídas do Brasil inteiro e um sistema robusto. Veja abaixo a entrevista completa:

será necessário escolher um agente de viagens. Entendemos que ele é quem vai poder humanizar a nossa venda. Na hora da compra, o agente vai receber um comunicado para que ele possa fazer o pós-venda. Com isso começamos a humanizar um pouco a internet.

3


OPINIÃO

Um setor indo a pique

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Roy Taylor

4

Nos últimos anos um dos segmentos mais promissores tem sido o de cruzeiros marítimos, não apenas no Brasil, mas em diversos países do mundo com litoral a ser explorado. O crescimento deste setor foi de tal ordem que até os resorts chegaram a exigir por parte do Governo medidas que coibissem esse crescimento. O Brasil chegou a ocupar o 5º lugar no mundo e o 1º na América do Sul no ranking dos destinos destes transatlânticos. Desde 2010 no entanto a curva de crescimento acabou sendo invertida e o mercado vem observando uma queda tanto no número de navios como de passageiros. Um decréscimo preocupante para o mercado. Para a próxima temporada estão previstos a vinda de 13 transatlânticos, sendo dois da Costa Cruzeiros, 2 da Ibero, 1 da Royal Caribean, 4 da MSC e 4 da Pullmantur. Esse volume representa uma queda significativa e para se ter uma ideia do desinteresse das companhias em explorar o litoral brasileiro é só lembrar que na temporada 2009/2010 foram 20 navios. Em 2010/2011 caiu para 17, em 2011/2012 chegou a 15, e agora 13. De um volume de 1 milhão de passageiros chegamos a 600 mil, previsto para a próxima temporada de verão, ou seja, uma redução de mais de 80%. As razões da queda deste mercado que reduz o ganho dos agentes de viagens, gera menos impostos para o país e reduz a arrecadação do comércio e serviços turísticos onde os navios fazem escala começam por uma legislação ultrapassada e arcaica. Sem falar nas altas taxas portuárias e no desconforto dos terminais de passageiros. Não é de hoje também que as empresas de cruzeiros reclamam da falta de novas opções para

escalas na costa brasileira e também nas dificuldades de acesso aos portos, obrigando muitas vezes aos passageiros a aguardarem horas para desembarcarem. A burocracia alfandegária e a legislação trabalhista também se incluem neste rol de entraves para o desenvolvimento do setor. Quem ganha com isso são os mercados concorrentes que acabam se tornando mais atraentes para as companhias de cruzeiros. Quem perde com isso é o país e o mercado, uma vez que o segmento de cruzeiros marítimos é altamente lucrativo onde é explorado com competência e modernidade. Estão aí para comprovar os portos no Mediterrâneo e no Caribe. Por aqui parece que o Governo não tem nenhum tipo de preocupação com esse segmento. A maior prova disso é que na recente discussão da reforma portuária no Congresso o mercado de cruzeiros marítimos sequer foi mencionado em momento algum. A continuar neste ritmo esse setor corre o risco mesmo de ir a pique no Brasil e se tornar em pouco tempo apenas uma atividade cada vez mais rara. A propalada ideia de se trazer navios para a Copa do Mundo, para compensar a falta de leitos, é uma balela. O custo para se fretar transatlânticos em plena temporada do verão europeu não compensa. Com isso, vamos ter mesmo que contar com os meios de hospedagem para receber os turistas que virão para os megaeventos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas. Para se reverter todo este quadro e retomar o mercado de cruzeiros é preciso que as nossas autoridades tomem consciência que sem investimentos e vontade política esse objetivo não será alcançado. Roy Taylor é jornalista, publicitário e vice-presidente executivo da Folha do Turismo e Mercado & Eventos

O peso do Turismo Luciano Palumbo Corte e falta de visão. Pode ser assim que os governos federais e estaduais estão lidando com as questões de orçamento para os próximos anos no Brasil. Há poucos dias, os ministérios das Cidades, da Defesa e do Turismo foram os mais afetados pelo corte de R$ 28 bilhões no Orçamento Federal para 2013. Os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior anunciaram – para as três pastas – um de verbas que chega a R$ 10,65 bilhões. E onde fica o desenvolvimento do Turismo uma hora destas? Para o Turismo, o corte ou bloqueio - como muitos gostam de colocar – vai chegar a R$ 1,96 bilhão em relação ao valor aprovado pelo Congresso Nacional na Lei Orçamentária de 2013. E então, como agir diante de planos já aprovados pelo Brasil afora? A desculpa, no entanto, é que o contingenciamento não atingiu programas considerados prioritários, ou seja, investimentos, políticas sociais ou mesmo grandes eventos, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. O já citado aqui – Plano Nacional de Turismo 2013-2016 – pode então ir por água abaixo. O “plano” pretende colocar o Brasil entre as três maiores economias turísticas do mundo até 2022. Entre as expectativas, chegar a 250 milhões de viagens domésticas e a quase oito milhões de turistas estrangeiros por ano no Brasil. Mas o orçamento pode não ajudar mais a chegar neste patamar. Outra dúvida é com relação a hotelaria do País. O presidente da Embratur, Flávio Dino, disse que a rede hoteleira do Brasil corre um sério risco de cartelização e práticas abusivas de lucro. Dino também apontou – entre outros assuntos - o aumento das viagens e gastos de brasileiros no Exterior, o que contribui para o aumento do déficit na economia, na balança econômica do Turismo.

Por outro lado, a economia parece ajudar as operadoras que voltam a vender como nos velhos tempos. A Flytour Viagens – com pouco mais de um ano operando no país - já comemora a marca de 67.694 pacotes vendidos, sendo que 51.533 já embarcaram. Outras que comemoram os bons números são CVC – que subiu em 20% em maio o número de vendas de seus produtos e a Trend Operadora que na mão de Luis Paulo Luppa, incrementa os segmentos de lazer e corporativo – carro chefe da empresa – no mercado atual. Juntas, pode-se dizer que CVC e Trend são as duas principais operadoras do país em comercialização de produtos sejam eles, exclusivamente via agentes de viagens ou pelo segmento de multicanalidade. Não importa. Operadoras e agências parecem ter voltado em 2013 com foco nas vendas. A Abav, já abriu a inscrição para quem deseja participar de sua feira. Este ano – depois da realização de eventos menores, mas de extrema importância para o mercado, a Feira das Américas ocupará uma área de exposição de 58,2 mil metros quadrados e disponibilizará 11 salas de treinamento e capacitação na Vila do Saber. Sempre com foco no agente de viagens, mesmo foco da Aviesp – que nesta edição terá um encarte com a cobertura da Aviestur 2013 e Avirrp, que acontece no começo de agosto. Meio ano já se foi. Os próximos sete meses serão desgastantes, corridos e a balança comercial não pode continuar deficitária. O orçamento tem que chegar às mãos daqueles que fazem pelo Turismo ou pelas suas cidades e estados. Daqueles que planejam de forma coerente e honesta ajudando o Brasil a evoluir e desenvolver um setor da economia que tanto impulsiona o crescimento. Boa Leitura. Luciano Palumbo é jornalista e editor-executivo do Mercado & Eventos e Folha do Turismo. Especializado em Economia e Planejamento Estratégico

Capacitação, a estratégia correta Cleiton Feijó O advento da internet trouxe consigo muitos benefícios para diversos segmentos. E para o turismo não foi diferente. Afinal, os viajantes passaram a ter muito mais acesso a informações relevantes e muitos destinos começaram a ganhar “fama” em um menor espaço de tempo. Mas nem tudo são flores nesse mercado que a cada dia vive novos desafios. Como lidar com as compras online que trazem consigo tarifas muitas vezes mais convidativas, porém, com uma superficialidade tamanha na prestação do serviços que não transmite a segurança necessária para o viajante – ainda mais quando o seu próximo destino é um país ou cidade nunca antes visitado? Nesse cenário entra em pauta o papel do agente de viagens. O mercado das operadoras tem buscado soluções criativas como foi o caso da Nascimento Turismo, empresa com mais de meia década de atuação. Lançamos recentemente durante o nosso encontro anual, o Nastur, a campanha “Keep Calm I’m Travel Agent” (na tradução livre: Mantenha a calma. Eu sou agente de viagens) para motivar e valorizar a profissão de agente de viagens, orientando para que ele volte a desempenhar de fato o seu papel: o de consultor, fazendo assim relevante perante as OTA´s (Online Travel Agent). Grande parte dos clientes chega atualmente às agências com informações sobre o destino e é nesse momento que o consultor deve ir além, mostrando seu pleno conhecimento sobre o assunto e principalmente sabendo identificar no cliente quais as oportunidades de comercialização de produtos. O profissional deve ter consigo a excelência na

prestação do serviço, entender o cliente, atentar-se aos detalhes para indicar a melhor hospedagem, passeios, garantir a satisfação e depois atuar no pós-venda. Este é o modelo de atendimento de serviço que entendemos como ideal e estamos investindo em ferramentas e capacitação para auxiliar no dia-a-dia dos agentes. Nos últimos meses, promovemos diversos treinamentos em parceria com secretarias de turismo estaduais para apresentar atrativos dos destinos, muitas vezes desconhecido pelos profissionais, e aproximá-los dos fornecedores. Além disso, atendendo a pedidos do mercado, acabamos de lançar a versão do site com reserva online de pacotes da Nascimento Turismo com confirmação imediata, o que agiliza o processo de venda. Afinal, agilidade é um desafio diário para agentes, pois eles têm como concorrentes portais de compra que finalizam aquisições com os cliques que podem somar apenas cinco toques. Como resultado deste trabalho intenso, nestes primeiros meses do ano, conseguimos atingir 1.750 agentes de viagem com capacitações de qualidade – incluindo o Nastur -, nas principais praças brasileiras. Recebemos feedback constante dos agentes que mostram que estamos no caminho certo e que muitos clientes que se renderam às OTA’s voltaram a comprar com as agências, apontando a segurança e qualidade como principais motivos. Diante disso, concluímos que uma viagem se compõe com comodidade, mas acima de tudo com segurança e isso apenas ocorre com o contato direto entre seres humanos. Cleiton Feijó é diretor comercial da Nascimento Turismo

Turismo em Dados

Receita do Turismo global cresce 4% e Europa domina ranking As receitas do Turismo em destinos ao redor do mundo cresceram 4% em 2012, chegando a US$ 1,075 trilhão, em comparação com o US$ 1,042 trilhão do ano anterior. Os números são do Barômetro da Organização Mundial de Turismo, divulgado em meados de maio. Um adicional de US$ 219 bilhões foi registrado com o transporte internacional de passageiros, levando o total de exportações do Turismo a US$ 1,3 trilhão. A Europa teve o maior montante e as Américas o maior crescimento. “É estimulante ver que o crescimento na chegada de turistas internacionais foi semelhante às receitas, apesar dos contínuos desafios econômicos”, declarou o secretário-geral da OMT, Taleb Rifai. “Considerando que o Turismo é uma chave da exportação para muitas economias ao redor do mundo, este resultado é uma boa notícia pois proporciona provisões internacionais para os destinos e contribui para a criação de empregos no Turismo assim como nos setores econômicos relacionados”. Por região, as Américas tiveram o maior crescimento, com 7%, seguidas por Ásia-Pacífico (+6%), África (+5%) e Europa (2%). No Oriente Médio, a receita caiu 2%, redução

menor que a registrada em 2011. A Europa teve ganhos de US$ 457 bilhões, equivalente a 43% do total mundial, maior porção entre as regiões. Destinos na região ÁsiaPacífico registraram US$ 323 bilhões - 30% do total - e as Américas receberam US$ 215 bilhões, 20% do mundo. O ranking dos destinos com maior receita permaneceu praticamente o mesmo do ano anterior, com Estados Unidos, Espanha, França, China e Itália, seguidos por Macau (China), Alemanha, Reino Unido, Hong Kong (China) e Austrália. O Brasil ficou em 39° lugar, uma posição acima de 2011, a frente do Vietnã, Dinamarca, Nova Zelândia, Noruega, Israel e Argentina. Em 2012, a receita do Brasil com Turismo ficou em US$ 6,6 bilhões, número 1,4% maior que a do ano anterior – que foi 15% maior que a receita de 2010 (US$ 5,7 bilhões). Os Estados Unidos tiveram um montante de US$ 128,6 bilhões, 11% a mais que em 2011. A França teve acréscimo de 7%, com US$ 53,7 bilhões; a Alemanha de 6%, com US$ 38,9 bilhões; e Hong Kong (China) de 14%, com US$ 31,7 bilhões.


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

5


BRASIL

Embratur cancela Vivências Brasil e terá segunda fase do Goal To Brasil

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes

6

Avirrp investe em profissionalismo e capacitação Segundo os organizadores da Feira AVIRRP 2013, o evento terá como principal objetivo, profissionalizar o agente de viagem através de palestras impactantes e treinamentos promovidos por empresas expositoras. Um dos pontos altos do evento será o terceiro Fórum Avirrp, que contará com a presença dos renomados jornalistas, Caco Barcelos e Paulo Henrique Amorim. Durante os dois dias de evento, o Fórum debaterá dois temas importantes: “Os Horizontes da Aviação Mundial”e “As Sete Maravilhas do Mundo Moderno como Destinos”. Atração especial durante os eventos sociais

A Embratur não vai mais implementar o programa Vivências Brasil neste segundo semestre, como estava planejado. O presidente da Embratur, Flávio Dino, confirmou que a entidade decidiu manter o programa Goal to Brazil, ao contrário do que estava inicialmente previsto. A segunda etapa do programa terá como novidade a seleção de apenas três destinos no exterior, e o modelo do Programa também vai mudar. “Realmente a ideia inicial era finalizar o programa neste primeiro semestre mas com o sucesso obtido decidimos manter o mesmo. Só que teremos algumas mudanças, como o fato de não ter mais um estado anfitrião. O evento a partir de agora será aberto a todos os estados, ou para quem desejar participar”, adiantou. Sobre o cronograma de retomada do programa afirmou que inicialmente estão previstas três edições sendo a primeira em agosto. “Ainda faltam alguns detalhes a serem acertados mas inicialmente a ideia é realizar em Los Angeles a primeira edição deste novo modelo. Depois teremos na América do Sul, prova-

Flávio Dino

velmente na Colombia em Bogotá e na Europa, podendo ser numa cidade da Alemanha”, adiantou. Brasil-Alemanha – Uma delegação de Turismo da Alemanha esteve em Brasília para um encontro com o presidente da Embratur, Flávio Dino e diretoresdo Instituto. Na ocasião o presidente fez uma breve apresentação sobre a situação do Brasil, destacando a economia do Turismo no desenvolvimento das regiões do país. Em seguida, apresentou o vídeo da campanha publicitária da Embratur para promover os destinos brasileiros no

MTur anuncia relançamento do Viaja Mais Melhor Idade

Entre as muitas surpresas preparadas para os agentes de viagem, uma delas é o show de Alceu Valença durante a festa de encerramento da Feira patrocinada pela Operadora FLYTOUR VIAGENS e EMPETUR (Empresa de Turismo de Pernambuco). Com 35 anos de carreira e mais de 30 álbuns, o cantor é um dos grandes representantes da Música Popular Brasileira, que enfatiza a energia do frevo através de guitarras e outros instrumentos elétricos.

No próximo dia 20 de junho o Ministério do Turismo estará relançando o programa Viaja Mais Melhor Idade. O anúncio foi feito hoje pelo secretário Nacional de Políticas de Turismo, Vinícius Lummertz, durante o Encontro Nacional do Turismo, em Brasília. Os detalhes do programa foram finalizados hoje numa reunião com representantes da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil. “Teremos financiamentos em até 48 vezes e os produtos serão comercializados por operadoras da Braztoa, bem como CVC e outras”, adiantou. Segundo o secretário a ideia é aproveitar o grande público da maior idade com novas facilidades que estimulem os idosos a viajarem pelo seu país. “Nos próximos dias estaremos finalizando as parcerias para comercialização dos pacotes nacionais que serão oferecidos. A ideia

é promover um grande lançamento no dia 20 de junho deste ano”, adiantou. Lummertz aproveitou a presença da ministra da Cultura, Marta Suplicy para lembrar que em sua gestão o programa teve um grande impulso. A intenção do Governo é firmar parceria com outras entidades e associações, incluindo a Abremar, no segmento de cruzeiros e os resorts, por meio de um convênio com a Resorts Brasil. Já o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal desenvolveram produtos com condições especiais e juros mais acessíveis. A CEF terá inclusive um cartão de crédito para parcelamento das viagens e o BB um crediário com limite que varia de R$ 70 a R$ 10 mil. A CVC já confirmou que vai ofertar uma variedade de pacotes nacionais. Entre 2007 e 2010 o total de idosos que utilizou o Programa foi de 180 mil no país.

Patrocinadores do evento

Entre as empresas que participam do evento, destaque especial para as patrocinadoras: BAHIATURSA, CVC, EMPETUR, FLYTOUR VIAGENS, MACEIÓ E NASCIMENTO TURISMO. Como a Feira Avirrp é composta por diversos módulos, como Fórum, Feira, Palestras, Salas de Negócios e representações temáticas das 7 Maravilhas do Mundo Moderno, é possível que mais empresas passem a figurar como patrocinadoras em futuras divulgações. Serviço

17ª AVIRRP 2013 e III FÓRUM AVIRRP Dias 02 e 03 de Agosto em Ribeirão Preto/SP Centro de Eventos Taiwan - Av. Dr. Francisco Gugliano, 2710 – Acesso Rodovia Ribeirão Preto/Bonfim Paulista, Km 310 – Royal Park – Ribeirão Preto/SP www.feiraavirrp.com.br

Sebrae anuncia parceria com MTur e investe R$ 250 milhões no setor Até o final de junho, o Sebrae define uma parceria com o MTur pela qual dará apoio institucional para implementação e ampliação de programas do MTur. A novidade foi confirmada hoje (16/05) por Ana Clévia, gerente do Sebrae, no Encontro Nacional do Turismo. “Vamos trabalhar em eixos de atuação como empreendedorismo e também nos pequenos e médios meios de hospedagem, para que venham a se adequar ao SBClass, o novo programa de classificação hoteleira”. Segundo ela o apoio do Sebrae será estendido também a outras áreas

e programas do Mtur, numa parceria integrada. “Vamos utilizar nossa experiência para ajudar ao MTur neste processo”, adiantou. Já o representante do Sebrae Nacional, Juarez Paula confirmou que nos próximos quatro anos a entidade vai investir R$ 250 milhões em programas relacionados ao Turismo. “O importante é investirmos na qualidade dos produtos e serviços de modo a nos alinharmos no processo de desenvolvimento turístico”, afirmou ele. O dirigente destacou a importância da reativação do Programa de Regionalização do Turismo.

mercado internacional. “Temos um importante fluxo de Turismo entre os dois países, relações econômicas sólidas e muitas oportunidades de negócios pela frente. A Alemanha é o terceiro maior emissor de turistas para o Brasil, um mercado que acreditamos no crescimento do Turismo, não só pelo número de visitantes, mas também pelas oportunidades de investimento que o Brasil oferece”, destacou Dino. A chefe da delegação alemã, a deputada Rita Pawelski, destacou que, para a Alemanha, o Brasil é um país que apresenta aspectos positivos, não só por suas riquezas naturais, mas também pelo considerável crescimento na economia e perspectivas de expansão em todos os outros setores.Dino ainda lembrou que as estreitas relações entre Alemanha e Brasil têm longa tradição. “Num mundo em rápida transformação, pretendemos oferecer respostas e ideias sustentáveis para a vida futura. A Embratur tem todo interesse em fazer parte do esforço do governo brasileiro para participar do evento e ampliar assim, a divulgação do país como destino turístico na Alemanha, importante mercado emissivo de visitantes para o Brasil”.

Governo abre inscrições para o Pronatec As pré-matrículas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, na modalidade Pronatec Copa, estão já abertas e se encerram no dia 7 de junho. São ofertados cinco cursos: recepcionista e camareiro em meios de hospedagem, garçom, auxiliar de cozinha e organizador de eventos. Pessoas que têm mais de 18 anos e que moram em uma das 120 cidades contempladas podem se inscrever em um dos cursos disponíveis. Os cursos serão feitos nestas instituições: Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Nacional do Comércio (Senac), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Serviço Social do Transporte (Sest), escolas públicas federais e estaduais, institutos federais e escolas estaduais de educação profissional, ou outras criadas pelos ofertantes, como unidades remotas de ensino. Para fazer a pré-matrícula, o interessado deve procurar a Secretaria de Turismo de sua cidade. Depois de matriculado, será emitida uma carta de encaminhamento, que deverá ser apresentada na instituição de ensino, juntamente com os seguintes documentos: carteira de identidade (cópia e original) ou carteira de motorista; CPF (cópia e original); declaração de escolaridade; e comprovante de residência.


BRASIL

GramadoTur é nova autarquia para incentivar turismo na Região Sul Luiz Marcos Fernandes

Centro de Eventos de Vitória (ES) vai receber R$ 115 milhões em obras O secretário Alexandre Passos anunciou novidades para 2013 para o Turismo Capixaba durante a 39ª Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Turismo (Contures), entre elas grandes projetos turísticos que serão desenvolvidos pelo Governo do Estado, com a coordenação da Secretaria do Turismo (Setur). Uma das novidades anunciadas foi a revitalização da Prainha. O projeto básico já elaborado pelo arquiteto Sandro Pretti há alguns anos. “O Governo do Estado vai viabilizar o projeto executivo e a obra, que ficará a cargo do Iopes (Instituto de Obras Públicas do Espírito Santo)”, garantiu Alexandre Passos. Além disso, o secretário também informou sobre o andamento das obras de revitalização da orla do Canal de Guarapari, resultado de um convênio de R$ 35 milhões entre a Setur e a Caixa Econômica, com recursos do Ministério do Turismo; e do Centro de Eventos de Vitória, uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura, com previsão de custo na ordem de R$ 115 milhões. “O projeto executivo já foi concluído e agora está na fase de conclusão”, destacou Alexandre. Outra obra de infraestrutura muito importante é a sinalização dos atrativos turísticos para todo o Estado. “Investiremos R$ 6 milhões este ano, o que também já foi autorizado pelo governador. Isso fora os recursos provenientes de duas emendas parlamentares em torno de R$ 900 mil”, comemorou.

Setor histórico de Curitiba (PR) será revitalizado O setor histórico de Curitiba vai passar por um processo de revitalização, começando pela pintura das fachadas dos prédios – primeiro passo de um projeto que prevê também a qualificação das empresas da região. O trabalho será feito por meio de uma parceria entre o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), a Regional da Matriz, a empresa Tintas Coral, o Sebrae Paraná, a Federação do Comércio (Fecomércio) e os proprietários dos imóveis. “Fizemos um estudo de cores que busca o equilíbrio visual entre os edifícios, resgatando, inclusive, trabalhos que tinham sido feitos anteriormente. O objetivo é valorizar a memória arquitetônica da cidade”, destacou Mauro Magnabosco, arquiteto do Ippuc que é responsável pelo projeto junto com a arquiteta Carla Choma. Enquanto a administração municipal cuida do projeto, a Coral faz a doação das tintas e os proprietários contratam a mão de obra especializada. “O projeto também prevê a formação de aprendizes de pintores, que têm a chance de iniciar uma nova profissão. Isso fica como um legado social que deixamos para a cidade”, disse Antonio Augusto Nascimento, coordenador de marketing da empresa no Paraná e em Santa Catarina.

Rafael Massadar A redução do ICMS de combustíveis para aeronaves, anunciada em abril pelo governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz gerou bons frutos. A capital do país vai ganhar 56 diferentes voos entre novas frequências, trechos retomados e rotas de temporada por causa da Copa das Confederações e da Copa do Mundo. Dentre as cidades que estão nas novas ofertas para o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek estão: Manaus, Cuiabá, Belém, Campo Grande, Vitória, Curitiba, Recife, Porto Alegre, Campinas, Salvador e São Paulo. “São voos com origem, chegada ou conexão em Brasília. A Azul colocará 22 voos durante a Copa das Confederações e mais 12 outras frequências entre operações diárias e temporárias. A Gol retoma en 19 de maio outras duas rotas e, por fim, a Tam anunciou a decisão de colocar 20 voos extras no

Luís Otávio Neves, secretário de Turismo do DF, e Eduardo Sanovicz, presidente da ABEAR

mês de julho”, anunciou o presidente da Associação Brasileira das Empresas Aéreas, Eduardo Sanovicz. De acordo com o dirigente, a redução do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços foi fundamental para a competitividade do destino. “Há uma movimentação que se não fosse a redução do ICMS teríamos aproximadamente apenas 14 novos voos”, completou. Hoje a cidade já ocupa o 3º lugar neste ranking. “Vemos que quando unimos a captação de grandes eventos e o esforço do governo para fortalecer os agentes envolvidos neste segmento conseguimos um grande retorno no crescimento da economia do DF. Esses novos voos comprovam isso”, disse o secretário de Turismo do DF, Luís Otávio Neves.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

incluem o Festival de Cinema que acontece em agosto e o A Serra Gaúcha acaba de Natal Luz, em novembro e ganhar a primeira autarquia dezembro”, adiantou. público privada no turismo da A GramadoTur tem um região Sul e uma das únicas conselho deliberativo formano país. A criação da Gramado por seis representantes da doTur é uma iniciativa da Preiniciativa privada e outros três feitura junto com empresários da esfera municipal. “O prefeito da região com o objetivo de Nestor Tissot nos deu todo o dinamizar e ordenar as ações apoio para levar adiante essa Rogério Poloni, diretor da GramadoTur do turismo local. O presidente ideia”, adiantou. Em relação do Convention Center de Gramado, o empresário Roaos recursos necessários para colocar em prática o gério Poloni assumiu a presidência da nova entidade projeto estratégico da nova entidade, Poloni afirmou cuja sede será instalada em breve na Expo Gramado. que será criado um fundo de turismo. Já em relação aos “A ideia de se criar a GramadoTur foi inicialmente planos e projetos ele vê necessidade de se investir em pensada em 2003 tendo como referência a cidade de alguns setores como é o caso do turismo de negócios. Barcelona e desde então vinhamos amadurecendo “Queremos que Gramado venha ser uma referência naesse processo que agora se concretiza”, afirmou ele. cional como o é já no turismo de lazer”, adiantou. Outra O dirigente lembra que o órgão será responsável preocupação são os programas de capacitação. A Grapelo calendário de eventos da Cidade, tanto na madoTur nasce buscando também parcerias e já iniciou área de turismo como da cultura. “Neste rol se contatos com o Instituto Disney nos Estados Unidos.

Brasília ganha 56 novos voos

7


HOTELARIA

Paradisus Punta Cana espera crescimento no mercado brasileiro

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Anderson Masetto

8

Em 2012 o número de brasileiros nos dois resorts da bandeira Paradisus na República Domicana (Punta Cana e Palma Real) foi 20% maior do que em 2011. De acordo com o diretor geral dos empreendimentos Rafael Torres, a expectativa para este ano é ainda maior. Ele acredita em um incremento de pelo menos 30%.“Neste ano o destino deve receber 100 mil visitantes e o Brasil é um mercado estratégico para nós”, comentou Torres, lembrando que as operadoras e agências de viagens são parceiros essenciais do resort para aumentar o número de hóspedes brasileiros. Ele afirmou que 95% das vendas feitas no país é por meio deste canal. Promoção - Os hóspedes brasileiros contam com uma promoção que dá um crédito de até US$ 1,5 mil para serem gastos em serviços e produtos comercializados dentro dos resorts. Dependendo do número de diárias, US$ 500 poderão ser gastos no shopping “Palma Real”, que conta com lojas de grifes famosas.Outra ação visa levar os agentes de viagens brasileiros para conhecer o resort. Os profissionais que venderem 50 diárias irá ganhar

Fernando Torres, diretor geral dos resorts Paradisus na República Dominicana

Starwood planeja aumentar em 50% presença na América Latina

Equipe de vendas no Brasil - Fernando Gagliardi, Marisa Guilger, Roberta Moretti e Gisele Torrano

quatro diárias e duas passagens para o destino. Já para os que venderem 75 pernoites serão premiados com sete diárias e duas passagens. A ação é valida para reservas feitas até 30 de setembro e hospedagem até 22 de dezembro. Centro de convenções - O Paradisus Palma Real terá em breve um novo centro de convenções, que já está sendo construído. A previsão, segundo Torres, é que ele seja inaugurado em novembro. O espaço contará com 1,8 mil m² e um pé direito

de nove metros. Além disso, serão 20 salas de reunião que poderão ser moduladas. “ Será o maior centro de convenções do Caribe”, afirmou. Premiação – No final de maio os dois resorts premiaram as operadoras e organizadores de eventos que mais venderam os produtos em 2012. Entre as operadoras, foram agraciadas a CVC, Nascimento, ADV, MMT Gapnet, Visual, Trend e Sanchat. MM Eventos, Top Service e Central Eventos foram os organizadores de eventos homenageados.

Frits van Paasschen, presidente e CEO da Starwood

Rafael Massadar A Starwood Hotels & Resorts Worldwide anunciou que aumentará a presença de hotéis em operação na América Latina em 50% durante os próximos cinco anos, abrindo uma média de sete novos hotéis por ano na região. Ao enfatizar o potencial de crescimento da América Latina como um dos mercados de hotelaria e viagens em crescimento mais acelerado do mundo, o presidente e CEO da Starwood, Frits van Paasschen, e membros da equipe de executivos sênior da empresa estiveram em visita à América Latina na semana passada, viajando aos principais mercados de crescimento, como o Brasil e Colômbia. “As tendências macroeconômicas continuam a remodelar o panorama de viagens e negócios na América Latina, criando um forte crescimento na demanda de hospedagem e muitas oportunidades de expansão para a Starwood na região”, afirmou Frits van Paasschen, presidente e CEO da Starwood Hotels & Resorts. “Ao mesmo tempo, a classe média da América Latina cresceu 50 por cento na última década, e esse aumento da riqueza significa que há cada vez mais pessoas com meios de viajar e um apetite crescente por marcas mundiais de luxo, como as nossas.” Brasil - O país é um importante foco para a empresa. Ao enfatizar a importância do Brasil, van Paasschen e membros da equipe de executivos sênior da Starwood se reuniram com proprietários de hotéis, clientes e investidores no Rio de Janeiro, São Paulo, Recife e Salvador para avaliar novos projetos. Eles também visitaram o icônico Sheraton Rio Hotel & Resort no Rio de Janeiro, um dos ativos próprios mais valiosos da Starwood na região. Em 2012, o hotel deu início a um projeto de reforma com investimento de milhões de dólares, que faz parte do compromisso atual da marca Sheraton Hotels & Resorts de expandir sua carteira global e reflete o firme compromisso da Starwood com o Brasil. Espera-se que as reformas sejam concluídas no segundo trimestre do próximo ano.

Accor alcança 2 mil hotéis com foco corporativo A Accor alcançou a marca de 2 mil hotéis voltados para reuniões e eventos, anuncio que será feito durante a feira IMEX Frankfurt, que aconteceu no fim de maio. Além das unidades, a rede conta com 250 contratos em carteira que serão abertos nos próximos dois anos. Até 2015, a meta da rede é ter 2.250 hotéis voltados para reuniões e eventos na América Latina, Continente que representa 11% desta expansão. Com novos hotéis focados em eventos, o total de salas de reuniões oferecidas pela Accor chegou a 10,4 mil, em 90 países diferentes.

Novo ibis Style - O grupo Accor anuncioua assinatura de contrato de R$ 12 milhões para a construção do ibis Styles em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul. O estado, que já conta com dois hotéis da rede, um na capital Campo Grande e outro em Dourados, terá a partir de 2015 uma unidade ibis Styles de 80 apartamentos na cidade, localizada no oeste mato-grossense.O grupo tem um plano de expansão ousado e pretende dobrar sua operação na América Latina até 2016.


AVIAÇÃO

Em mês de baixa estação, aéreas da Abear registram pequeno avanço Pamela Mascarenhas

Associadas transportaram 6 milhões de passageiros em abril A Gol voltou a ser a empresa com maior número de passageiros transportados, com 2,10 milhões, seguida pela Tam, com 2,04 milhões, pela Azul/Trip, com 1,65 milhão, e pela Avianca, com quase meio milhão de passageiros. O número total de passageiros transportados em abril deste ano chegou a quase 6,3 milhões, ou 2,2% a mais do que em março. “A ampliação do número de passageiros transportados em taxa acima da oferta segue indicando a tendência de uma crescente importância dos deslocamentos mais curtos”, afirma Febeliano.

Market Share - A Tam continua liderando o mercado doméstico, com 38,7% de participação, seguida da Gol, com 36,5%, do grupo Azul/Trip, com 17,6%, e da Avianca, com 7,2%. Em relação ao mesmo mês de 2012, a Azul foi quem mais cresceu (2,9%), seguida pela Avianca, com mais 1,8%. Nos quatro primeiros meses do ano as companhias aéreas associadas à Abear já transportaram 24.406.921 passageiros em voos domésticos. Foram ofertados 37.747.514 ASK e demandados 27.902.829 RPK, resultando em uma ocupação média de 73,92% dos assentos.

No início de maio, a Infraero e a Secretaria de Aviação Civil (SAC) afirmaram que a contratação da empresa da obra do terminal remoto do aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, será direta, por dispensa de licitação. “A Infraero fará por contratação direta. Nós temos prazos para que essa obra seja entregue e é fundamental que os serviços sejam concluídos para que o aeroporto tenha condições de receber todo o fluxo decorrente da realização dos jogos da Copa”, disse Moreira Franco, ministro-chefe da SAC. De acordo com o presidente da Infraero, Gustavo do Vale, a estatal fará uma consulta pública para realizar a obra. Duas licita-

Moreira Franco, ministro-chefe da SAC

ções, em 2012, não foram adiante porque as empresas participantes apresentaram propostas superiores ao valor de referência da Infraero. O impasse acabou prejudicando o cronograma da obra.

Neste ano, após a decisão de conceder o aeroporto à iniciativa privada, a Infraero optou erguer um terminal de menor porte. No último dia 6, a licitação para contratação das obras do terminal remoto não teve proposta alguma. Para implantação do terminal remoto, a Infraero aproveitará a estrutura já existente do terminal de aviação geral. O espaço terá, no total, 5,4 mil m². O terminal remoto, antes chamado de terminal 3, terá capacidade de 3,9 milhões de passageiros por ano. Com a conclusão da reforma e ampliação do terminal de passageiros 1, a capacidade de Confins será de 15,6 milhões de passageiros por ano.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

As companhias aéreas da Associação Brasileira das Empresas Aéreas – Avianca, Azul, Gol, Tam e Trip – ofertaram em abril 1,2% mais assentosquilômetros (ASK) para o transporte doméstico de passageiros, em comparação com o mesmo mês do ano passado. Já a demanda aumentou 2,2% e a taxa de ocupação média das aeronaves registrou avanço de 0,7 ponto percentual, atingindo 72,34%. “Esses dados nos revelam que o mercado continua mostrando vocação para o crescimento, ainda que em taxas abaixo das de anos anteriores”, avalia Eduardo Sanovicz, presidente da Abear. Ainda na comparação anual, para

o mercado internacional, a oferta cresceu 9,4%, mas a demanda teve um acréscimo de apenas 1,5%, o que impactou o fator de aproveitamento médio das aeronaves, que caiu 5,8 pontos percentuais, ficando em 75,21%. Comparação mês a mês – A oferta doméstica experimentou redução de 2,21% em abril ante março. A demanda, todavia, recuou apenas 0,77%. “Esse desempenho era esperado, uma vez que abril e maio costumam ser meses mais fracos para o transporte aéreo brasileiro. Como resultado, houve uma ligeira melhora no fator de ocupação, que avançou 1,05 ponto percentual”, comenta Adalberto Febeliano, consultor técnico da Abear.

Terminal remoto de Confins será erguido até abril de 2014

9

Gol registra prejuízo e confirma redução na oferta doméstica A Gol registrou registrou prejuízo líquido de R$ 75,3 milhões no primeiro trimestre deste ano. Segundo o balanço da empresa o prejuízo foi 81,8% superior ao resultado também negativo de R$ 41,4 milhões nos três primeiros meses do ano passado. O resultado financeiro ficou negativo em R$ 106,9 milhões, salto de 360,7% em relação a prejuízo financeiro de R$ 23,2 milhões no mesmo período do ano anterior. A empresa confirmou também que teve lucro operacional de R$ 101 milhões com margem operacional de 4,9% no primeiro trimestre deste ano. O crescimento de R$94

milhões ou 4,6% bem superior ao lucro operacional de R$7 milhões no 1T12 com margem de 0,3%. O Prask atingiu R$15,46 no mesmo período, um crescimento de 12,4% frente aos primeiros três meses de 2012. Esse desempenho impulsionou o aumento anual de 9,1% do Rask, que atingiu R$16,89 até março deste ano. O Cask excluindo a despesas com combustível ficou praticamente estável, atingindo R$8,71 centavos no primeiro trimestre frente a R$ 8,63 centavos no primeiro trimestre.Após a aprovação do Conselho de Administração em 10 de maio de 2013,

a Smiles S.A. precificou a oferta de ações em R$1,1 bilhão equivalentes a 52.173.912 ações ordinárias, representando 43% do seu capital total. A negociação das ações da Smiles S.A. na BM&F Bovespa teve início em 29 de abril de 2013. Os recursos líquidos dessa oferta de aproximadamente R$1,1 bilhão serão utilizados pela Smiles S.A, exclusivamente, para a compra antecipada de bilhetes aéreos da VRG, empresa controlada da Companhia. A Gol novamente foi a empresa mais pontual do mercado brasileiro. A Companhia atingiu um indíce de pontualidade de 95%.


AVIAÇÃO

Tam tem nova presidente: Claudia Sender

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes Claudia Sender é a nova presidente da Tam Linhas Aéreas. Anteriormente ela ocupava o cargo de vice-presidente da Unidade de Negócios Doméstica Brasil. Já o presidente da holding, Marco Antonio Bologna, que acumulava o cargo desde fevereiro do ano passado, irá se concentrar na consolidação da fusão com a Lan, nas relações institucionais da empresa e do Grupo Latam no Brasil e na representação da gestão brasileira no Grupo Latam. Desta forma, Cláudia vai se dedicar integralmente às operações aéreas de passageiros no território brasileiro. Na opinião de Bologna o atual cenário brasileiro traz enormes desafios e também consideráveis oportunidades para as companhias aéreas. “Os estímulos atuais ao setor e questões como o incentivo à aviação regional, o aumento de capacidade dos aeroportos, a dinâmica concorrencial e os grandes eventos que o Brasil vai receber neste e nos próximos

Claudia Sender, presidente da Tam

anos exigem foco no dia a dia da companhia, que estará a cargo de Claudia a partir de agora”, afirma. Segundo ele os expressivos resultados da Claudia em geração de valor e foco no consumidor nas empresas onde trabalhou e, principalmente, os resultados alcançados na condução dos negócios da Tam no mercado brasileiro e sua capacidade de formar e liderar equipes a credenciam para a tarefa de atender a milhões de clientes e contribuir para universalizar ainda mais as viagens aéreas neste que é o terceiro maior mercado doméstico do mundo. A nova presidente continuará se reportando a Bologna. Quem é - A executiva está na companhia desde 15 de dezembro de 2011. Engenheira química formada pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), Claudia tem MBA pela Harvard Business School e desenvolveu boa parte de sua carreira no setor de bens de consumo, atuando em marketing e planejamento estratégico. Acordo de codeshare - A Tam anunciou em meados de maio o aval da Agência Nacional

de Aviação Civil (Anac) para o acordo de compartilhamento de voos com a American Airlines. Esta era a última aprovação governamental necessária para a operação, que já recebeu aval do Departamento de Transporte dos Estados Unidos (DOT) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). No momento, as companhias estão trabalhando nos detalhes do codeshare, cuja data de implementação será divulgada oportunamente. O acordo entre a Tam e a American Airlines foi firmado em dezembro de 2012. Quando estiver implantado, permitirá que os passageiros de ambas as companhias desfrutem de benefícios como a simplificação de reserva de voos e conexões mais convenientes nas Américas do Sul e do Norte. Os clientes da Tam poderão viajar para cidades dos Estados Unidos utilizando a malha aérea da American Airlines a partir de Miami, Nova York e Orlando. Já os clientes da companhia norte-americana terão acesso a todos os destinos operados pela Tam no Brasil.

10

Air China quer mais uma frequência em São Paulo para 2014 Arthur Stabile Atualmente com duas frequências por semana partindo de São Paulo para Pequin, as quintas e domingos, a companhia aérea Air China planeja implementar novo voo na capital paulista. “Esperamos acrescentar nova opção de horário para atender a demanda na Copa do Mundo”, explicou André Carvalho, executivo de Vendas da companhia. Os números dão respaldo para a ampliação. Durante os primeiros quatro meses de 2013, entre janeiro e abril, a companhia registrou 90% na ocupação de passageiros entre os dois destinos. Este valor é 7% superior ao registrado em todo o ano de 2012. “Transportamos 19 mil passageiros com origem em São Paulo para Madrid ou Pe-

quin”, explicou Wu-Xin, gerente de Vendas da aérea. Aeronave – Integrante da Star Alliance, a Air China utiliza o modelo Airbus A330-20 na rota São Paulo Pequin, com escala em Madrid, na Espanha. Entre os serviços oferecidos aos passageiros brasileiros está sala VIP no aeroporto de Guarulhos, e pretende adicionar facilidades como locação de veículos. “Na China temos carros de transfer entre o aeroporto e hotéis para executivos. Queremos trazer isso para o Brasil”, afirmou Carvalho. Code Share – Clientes com a intenção de marcar viagens em dias sem voos da companhia podem adquirir bilhetes com as parceiras Tam e Lufthansa. “A diferença é que as escalas serão realizadas em Frankfurt, na Alemanha, ou Paris, na França”, disse André, acrescentando que as tarifas encontradas pelo code-share são as oficiais da Air China.

André Carvalho, João Luiz Alves e Débora Casagrande, da Air China


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

11


AGÊNCIAS/OPERADORAS

Abav premia agentes e anuncia 90% de comercialização da feira

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luciano Palumbo

12

A Abav Nacional entregou três tablets aos vencedores da campanha “Você conhece a Abav, seu trabalho e sua história?”. Segundo o presidente da entidade, Antonio Azevedo, a ação presenteou com tablets três representantes de 15 mil agentes associados em todo o Brasil. “O objetivo da campanha faz parte das comemorações do dia do agente de viagens celebrado no ultimo dia 22 de abril, dos 60 anos de atuação da Abav e, ainda, como parte da campanha de valorização do agente nosso principal canal de distribuição”, disse.Segundo Azevedo, o foco da campanha foi de testar os conhecimentos dos agentes nas questões funcionais e objetivas das Abav em todo o Brasil. “Com esse tipo de iniciativa é possível aproximar os agentes da entidade”, comentou. A Abav continuará este ano com campanhas de incentivo aos agentes, como por exemplo, a remodelação para

Antonio Azevedo

valorização dos profissionais. Como apoiadores da campanha participaram da premiação as equipes da Atlântica Hotels e Gol Linhas aéreas, além dos vice-presidentes da entidade Edmar Bull e Alessandro Macedo. Confira os ganhadores - Hilza Gardini – Advance Turismo (Londrina) /

Armando Vasconcelos – Interlink Turismo (Salvador) / Débora Jorge Soares – High Light Viagens e Turismo (Rio de Janeiro). Feira - Segundo Azevedo, 90% dos espaços da Feira das Américas 2013 já estão comercializados. “Esperamos fechar dentro de um mês a venda dos espaços restantes”, disse em entrevista ao M&E.Segundo ele, a comercialização com cerca de três meses e meio antes da realização da Feira já aponta alguns benefícios com a vinda para São Paulo. “A mudança no formato e local mostra que o evento da Abav quebrou paradigmas, principalmente na venda dos espaços, coisa que em anos anteriores não acontecia”, comentou. A Associação abriu as inscrições para os visitantes que desejam participar da 41ª edição da Feira de Turismo das Américas. A grande novidade para os inscritos é que este ano, todos os visitantes do evento estarão assegurados pela Travel Ace Assistance.Os interessados devem acessar o site do evento, procurar pela seção Credenciamento online.

Maktour reforça equipe na sucursal Rio A Maktour (www.maktour.com.br), operadora de turismo brasileira já consolidada no mercado como referência em roteiros e pacotes personalizados e de luxo, aposta, no turismo de experiências. Para isso, está fortalecendo sua equipe e investindo no mercado carioca. Atualmente, a filial localizada no Rio de Janeiro conta com 12 colaboradores, entre eles cinco consultores, uma coordenadora, três responsáveis pelo departamento administrativo, um promotor, um desenvolvedor de produtos e um gerente regional responsável pelos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Ceará. Jacqueline Alves chega para ocupar o cargo de gerente regional. Já atua há 18 anos no mercado de turismo, sendo os últimos 12 na área de gestão em empresas como TAM Viagens, Kontak Rio e TRIP Linhas Aéreas. Outro destaque da Maktour no Rio de Janeiro é a Luciana de Macedo Conde, que passa a responder como coordenadora de vendas da filial. A profissional faz parte da equipe há sete anos e conta com a passagem por importantes destinos como Chile (Santiago e Puerto Varas) e Estados Unidos (Nova York, principais estações de ski do colorado Vail, Breckenridge, Keystone, Beaver Creek, Aspen e Snowmass; Lake Tahoe, Napa Valley e San Francisco). Além disso, André Ricardo Gomes de Souza passará atuar como promotor. O profissional conta com a experiência de 20 anos no mercado do Turismo, nas áreas de Vendas Internas e Comercial.

Nascimento e Alagoas promovem destino em São Paulo Arthur Stabile A Nascimento Turismo realizou capacitações sobre Alagoas para o trade paulista durante o mês de maio. Em parceria com a Secretaria de Turismo do Estado, as capacitações tiveram público de aproximadamente 250 profissionais em Santo André, Santos e Sorocaba. “Estamos mostrando que Alagoas tem mais do que sol e mar”, explicou Jeane Rodrigues, diretora de Operações da Secretaria Municipal de Promoção e Turismo de Maceió, que também representou a ABIH-AL e a Setur-AL durante o evento.A representante do Estado afirmou que São Paulo é o principal polo emissor de turistas de Alagoas, e a ação tem como objetivo fortalecer a presença junto ao trade paulista. “Foram mais de um milhão de desembarques no aeroporto em 2012”, acrescentou Jeane, explicando que a hotelaria renovada é outro atrativo do destino, que levou 20 representantes de hotéis e mais dois receptivos para os eventos com a Nascimento.“Alagoas se mostra destino importante. Apresentamos seus novos atrativos para o trade paulista nestes eventos”, disse Cleiton Feijó, diretor Comercial

Cleiton Feijó anuncia as novidades

da Nascimento. A operadora espera aumentar em 35% a venda de pacotes o destino, que mantém números crescentes de vendas. Somente nos cinco meses iniciais de 2013, a operadora negociou 82% do total acumulado por Alagoas em todo o ano anterior. A Nascimento Turismo atua em 2013 para acrescentar participação em destinos nacionais nas suas vendas. A perspectiva é totalizar aumento médio de 35% na procura de viagens no País. “Alguns estados podem crescer 10%, outros 60%”, afirmou Adriano Gomes, gerente de Planejamento e Produtos da operadora. O objetivo é encerrar o ano com 25% de participação de pacotes domésticos no total de vendas.

Nascimento capacita 300 agentes sobre Maranhão Luiz Marcos Fernandes O crescimento de 50% em dois anos, sendo 30% apenas no ano passado, na venda de pacotes para o Maranhão levou a Nascimento Turismo a promover palestras de capacitação para agentes de viagens em Campinas, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. No Rio a equipe da Nascimento Rio prestigiou o roadshow que trouxe a cidade 11 hotéis, 1 receptivo além da Gol, como empresa aérea. Segundo o Diretor Comercial da Nascimento, Cleiton Feijó a estratégia vem dando resultados. “Aqui no Rio estamos oferecendo três pacotes incluindo São Luís com Lençóis Maranhenses, Chapada das Mesas e apenas a capital maranhense”, lembrou ele. De acordo com a superintendente de Promoção de Turismo do Maranhão, Renata Ribeiro Costa, os turistas podem aproveitar as saídas em junho e julho para conhecer de perto o São João do Maranhão. “Temos um produto regional típico bem diverso dos demais estados e com os pacotes da Nascimento fica mais fácil para cariocas, paulistas e mineiros virem conhecer o nosso

Cleiton Feijó, Dyrana Guimarães da Nascimento e Renata Ribeiro da setur do Maranhão

produto”, admitiu. Os pacotes da Nascimento para as férias de julho têm preços a partir de R$ 1064 incluindo passagem aérea saindo do Rio, traslados, seguro e quatro noites de hotel com café da manhã e city tour. Prestigiaram o evento toda a equipe Rio da Nascimento liderada por sua gerente Dyrana Guimarães. Também estiveram presentes representantes do Grupo BHG, da Gol e da pousada do Buriti, em Barreirinhas. Pela matriz de São Paulo veio Renata Barra. Totalizando Campinas, Rio e Minas Gerais 300 agentes de viagens foram capacitados sobre o destino Maranhão.

Visual e La Torre Resort treinam agentes de SP Arthur Stabile A Visual Turismo treinou aproximadamente 75 agentes de viagens paulistanos em maio sobre o La Torre Resort, empreendimento que fica na cidade de Porto Seguro, na Bahia. A operadora espera aumentar em 25% a demanda por pacotes do resort com as novas ações de parceria. Antes da capital paulista, a cidade de São José dos Campos, no interior do Estado, foi palco de formação para 82 profissionais do trade. Valter Onishi, gerente de vendas da Visual, confirmou o foco da operadora em atrair o mercado paulista para o La Torre Resort, que também foi apresentado durante a Aviestur, em Holambra, interior do Estado. “Temos uma grande parceria com a Visual”, afirmou Leila Dipp, diretora de Operações do La Torre, que salientou a preocupação do hotel com a satisfação do cliente. A unidade, que tem oferta atual de 230 suítes, recebe entre 30 e 40

mil hóspedes por ano, segundo dados de Verônica Guglielmi, gerente de Vendas do La Torre para a Região São Paulo. O total de apartamentos será ampliado ainda este ano para 250 unidades. A nova ala Topásio irá oferecer 20 novas acomodações para até seis pessoas, sendo elas três adultos e três crianças. “Nosso público é focado no lazer para a família. Essas unidades são inéditas na hotelaria do país”, declarou Leila, acrescentando que a expectativa é de São Paulo representar 30% do público visitante do resort. Reservas em 2014 – Onishi apresentou no evento a concretização de bloqueios com a Azul, partindo do aeroporto de Viracopos, em Campinas. Segundo ele, a parceria irá “privilegiar os agentes de viagem do interior de São Paulo”, considerado o segundo mais importante do país. Valter disse que estão disponíveis opções de reservas no próximo ano para hotéis que divulgaram tarifário de janeiro de 2014 para a Visual.

Representantes da Visual Turismo e do La Torre Resort durante treinamento do trade em São Paulo


AGÊNCIAS/OPERADORAS

Costa Brava comemora 25 anos e faz fórum para gestores

Família Schwartzmann - Carlos, Mauro, Juliana e Rubens

Este ano de 2013 é especial para Mauro Schwartzmann. A empresa que fundou – juntamente com a sua esposa Juliana – a Costa Brava – está completando 25 anos de atuação. A comemoração aconteceu no final de maio, quando a agência realizou a terceira edição do seu fórum, que é voltado para gestores e profissionais do mercado de viagens corporativas. O evento aconteceu no The Royal Palm Plaza, em Campinas e contou com a presença de aproximadamente 300 pessoas. O ponto alto do fórum – que contou com painéis sobre o papel do gestor de viagens, gestão de eventos, parcerias e fluxo de despesas – foi a homenagem de Carlos e Rubens Schwartzmann aos pais durante o almoço. Na ocasião, foi exibido um vídeo com depoimentos de amigos e familiares sobre a empresa e família Schwartzmann. O diretor geral da empresa, Rubens Schwartzmann, destacou os 25 anos de atuação da agência. Ele lembrou a evolução no decorrer dos anos e o forte crescimento apresentado desde 2010. Segundo o diretor o avanço foi de 42, 43 e 45% nos últimos três anos. “Hoje é um dia muito especial para nós e esta marca nos traz ainda mais responsabilidade”, disse. Ele lembrou que a Costa Brava é uma empresa familiar que inovou e mudou no decorrer dos últimos 25 anos. “Em 2010 demos início a um processo de profissionalização implantando a governança corporativa. Hoje somos

Reserve: escritório em São Paulo e novo produto

Mari Masgrau, do M&E, entre Ricardo Aly e Tony Garcia, do Reserve

O Reserve vai abrir um escritório em São Paulo ainda neste primeiro semestre deste ano. A afirmação é do diretor Comercial da empresa, Ricardo Aly, que junto com o gerente de relacionamento com o Mercado, Tony Garcia, visitaram a sede do MERCADO & EVENTOS, em São Paulo. Segundo ele, o endereço está sendo escolhido e a equipe, que será composta por nove pessoas, está em processo de formação com a formação. “Estamos buscando um endereço entre o centro e a Avenida Paulista”, revelou Aly. “Com uma base aqui, daremos um outro direcionamento para o Reserve em São Paulo”, complementou. Segundo ele, a capital paulista já conta com uma grande número de clientes do Reserve. Aly explicou que com a chegada do Tony os agentes paulistas já contam com duas áreas para atendê-los. Outra novidade do Reserve é o Reserve Expense. Durante o Fórum Costa Brava, o novo produto foi apresentado aos gestores de viagens presentes. Ele tem como principal função gerenciar despesas terrestres de viagens, como alimentação e taxi, por exemplo, entre outras. A presidente da empresa, Solange Vabo, explicou que ele deve facilitar os processos tanto para o viajante como para os departamentos financeiros das empresas. “Ele terá o fluxo de aprovação já existente e as políticas, plano de despesas e aprovações prévias inseridas”, disse. Desta forma, instalado em celulares e demais dispositivos móveis, ele pode escanear recibos e prestar contas de forma automática. “O Expense vai ajudar o viajante em todo o seu percurso. Diante do valor de adiantamento, ele vai alertando se está dentro do orçamento. No final, o fechamento das despesas da viagem é automático”, exemplificou Solange, lembrando que o Expense poderá se conectar com os sistemas de gestão da empresa.

uma das maiores TMCs do Brasil”, comemorou. O número de colaboradores também vem evoluindo. Em 2010 eram cerca de 40. Hoje já passam de 100. Embora seja conhecida por ser especializada em viagens de negócios, a Costa Brava também atua em outras frentes. Segundo Schuartzmann, 80% de toda a produção da empresa corresponde a business travel. Os outras 20% são de viagens de lazer. Evento – O executivo afirmou que acredita que em todas as empresas para se obter um crescimento sustentável é necessário investir em educação. Para

Mario Carvalho, da Tap

Juarez Cintra Filho e Juarez Neto, da Ancoradouro, com Ralf Aasmann, da Emirates

ele, o Fórum Costa Brava é uma contribuição da empresa para o setor. “O evento reitera o nosso compromisso com o Turismo”, ressaltou. Parceria com a Tap - A Costa Brava é a nova Tap Partner no Brasil. Além da comunicação visual da companhia, a agência terá atendimento preferencial e acesso online ao sistema da aérea. Em contrapartida, a Tap passa a ser fornecedor preferencial da empresa. “A nossa liderança na região e também temos um espaço físico capaz de sediar um projeto deste tipo”, disse Mauro Schwartzmann. “Escolhemos a Costa

Brava por sua excelência e ela será a única em Campinas a ser Tap Partner”, complementou Mario Carvalho, diretor da companhia para a América do Sul. Hoje a Tap tem parceiras em Belo Horizonte, Caxias, Rio de Janeiro, Vitória e Natal. “Acreditamos nesta região há muito tempo”, ressaltou Carvalho, lembrando que a Tap deve retomar os voos no Aeroporto de Viracopos após as obras no local serem concluídas. “O sucesso desta parceria é garantido. Quando o nosso aeroporto estiver reformado, temos um potencial muito grande”, emendou Schwartzmann.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Anderson Masetto

César Nunes, do Royal Palm, com Marco Oliva, do Club Med

13


CRUZEIROS

MSC e CVC comemoram parceria com premiação a agentes

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Rafael Massadar

14

Em meados de maio, a MSC Cruzeiros e a CVC entregaram prêmios para agentes da rede de agências de viagens da operadora vencedores do incentivo “MSC é mais Você”. Entres os prêmios distribuídos estão minicruzeiros com acompanhante pelas ilhas do sudeste, Macbook, Ipad, Iphones e Ipod, de acordo com a sua colocação. O evento que conteceu na sede da armadora em São Paulo, teve como objetivo celebrar o sucesso da campanha, uma ação inédita que, além de

engajar agentes da operadora quanto aos cruzeiros oferecidos pela armadora. “Os agentes de viagem da CVC receberam a campanha com forte aceitação e estamos contentes com essa iniciativa que, inclusive, estreita ainda mais a relação tão próxima que temos com a empresa. Mais importante é que os clientes dessas agências puderam obter mais detalhes e escolher nossas novidades da temporada 2013/2014, a partir de novembro, assim como nossos roteiros internacionais e Grand Voyages”, destacou o gerente Comercial da MSC Cruzeiros, Bruno Cordaro.

Orlando Palhares, CVC Marítimos, Lilian Carvalho, da MSC, Mauro Marcilio, CVC, e Bruno Cordado, da MSC

Grupo de agentes premiados

MSC prorroga campanha de incentivo para agentes de viagem Com intuito de ampliar as chances de participação dos profissionais do setor, a MSC Cruzeiros continuará com a ação de incentivo que reconhecerá o melhor agente na categoria cruzeiros internacionais da companhia. Os participantes podem enviar os dados para a ação até o dia 30 de agosto e o profissional com o melhor desempenho desta primeira edição da Campanha ganhará uma viagem a bordo do MSC Preziosa, em um roteiro que conta com cidades turísticas do mar Mediterrâneo, como Barcelona, Espanha; Marselha, França; Gênova, Nápoles, Messina, na Itália; e La Goulette, Tunísia.

Para participar, os agentes de viagem devem enviar semanalmente sua planilha com as respectivas vendas de cruzeiros internacionais, para que assim seja contabilizada a pontuação de cada um, uma vez que a campanha tem caráter individual. Nessa etapa, cada tipo de cruzeiro tem uma pontuação específica: cada venda de cabine para cruzeiro internacional somam 10 pontos ao agente, enquanto as reservas das cabines MSC Yacht Club equivalem a 20 pontos. A companhia divulgará o resultado dessa edição da campanha na primeira quinzena do mês seguinte, após o término da ação.

Costa realiza roadshows em 30 cidades brasileiras Pamela Mascarenhas O Grupo Costa iniciou em meados de maio uma série de capacitações que vai passar por 30 cidades brasileiras com a participação de 1.700 agentes de viagens. O roadshow destaca a oferta de roteiros da Costa Cruzeiros e da Ibero Cruzeiros para a temporada de verão 2013/2014 na América do Sul. O grupo vai trazer quatro navios à região entre novembro deste ano e março de 2004 - Costa Fascinosa, Costa Favolosa, Grand Mistral e Grand Celebration. Durante os treinamentos, o Grupo Costa também premia as três melhores agências de viagens de cada cidade em vendas de cruzeiros da Costa e da Ibero na temporada de verão passada. O roadshow encerra no dia 13 de junho e é realizado simultaneamente no interior de São Paulo e principais capitais do Brasil. Estão programados eventos em São José dos Campos, Sorocaba, Campinas, São José do Rio Preto, Rio Claro, Ribeirão Preto, João Pessoa, Uberlândia, Recife, Florianópolis, Natal, Salvador, Porto Alegre, Fortaleza, Maceió, São Luís, Manaus, Londrina,

Belém, Maringá, Vitória, Belo Horizonte, Goiânia, Curitiba, Brasília, Cuiabá, Teresópolis e as regiões do ABC paulista e Alphaville, na Grande São Paulo. “Vamos seguir apresentando as facilidades e as vantagens garantidas ao agente de viagem que comercializa nossos roteiros. Uma delas é a comissão de 8% para a agência que vender os pacotes de bebidas Costa All Inclusive”, explica Claudia Del Valle, gerente de Vendas e Marketing da Costa e Ibero Cruzeiros. Também serão divulgadas as tradicionais promoções do Grupo Costa, como segundo hóspede grátis na mesma cabine. Além disso, os passageiros que viajaram nos navios da Ibero na temporada 2012/2013 têm 10% de desconto no valor total da próxima viagem. Roteiros - Os transatlânticos Costa Fascinosa e Costa Favolosa retornam para a segunda temporada em águas sul-americanas. Os navios realizam cruzeiros pela Bahia e região do Prata, saindo de Santos e Rio de Janeiro. A Ibero Cruzeiros, por sua vez, traz O Grand Celebration e o Grand Mistral, que visitarão pontos turísticos da Argentina e Uruguai, além dos balneários de Porto Belo, Búzios, Angra dos Reis e Ilhabela.


WWW.MERCADOEEVENTOS.COM.BR

Confira aqui algumas das notas e matérias mais lidas do nosso site em maio

Notas LOCALIZA FECHA ACORDO COM GALILEO A Localiza anunciou a integração do seu sistema de reservas de aluguel de carros com o Galileo, um dos canais de distribuição global de reservas de serviços do setor de turismo utilizado pelos agentes de viagens de todo o mundo. Com isso, a partir de agora, as reservas efetuadas pelos agentes de viagens para a empresa por meio deste canal serão transferidas online para o sistema da locadora. De acordo com o diretor de Vendas da Localiza, Paulo Henrique Pires, a integração com o novo sistema fortalece a presença da marca nos sistemas globais de distribuição e, consequentemente, aumenta o volume de reservas“De qualquer parte do mundo, as agências de viagens podem visualizar nossos serviços por meio do GDS e reservar um carro na Localiza para uma das 533 agências da nossa rede, distribuídas em 372 cidades de nove países. Essa integração com o sistema Galileo vem então somar aos nossos esforços para ampliar nossa oferta de aluguel de carros.” FESTIVAL DO TURISMO TERÁ 20 MIL M2, CAPACITAÇÃO E SALÃO DE PARQUES O Festival do Turismo de Gramado, que acontece de 7 a 10 de novembro, no complexo do Sierra Park comemora esse ano sua 25ª edição em grande estilo. Segundo a coordenadora do evento, Marta Rossi, o Festival terá sua área ampliada para abrigar novos expositores. “Vamos ocupar uma área maior no segundo pavilhão já que esperamos pelo menos uma crescimento no número de países e expositores em 10%, e com isso vamos ter uma área ocupada de cerca de 20 mil metros quadrados. Também muda a formatação e os visitantes terão uma saída no final evitando a concentração na entrada e isso beneficia que está no final da feira já que o percurso inclui passagem por todos os estandes obrigatoriamente”, destacou ela. Outra novidade já confirmada é o Salão de Parques Temáticos. “Essa é uma área que vem merecendo cada vez mais destaque no mercado e decidimos abrir um espaço para eles”, explicou ela. As salas de capacitação também fazem parte das novidades previstas para essa edição. “Vamos ofecer aos agentes de viagens a possibilidade de aprender um pouco mais sobre assuntos que lhe interessam”, afirmou. Já o Congresso que terá como tema Sustentabilidade está fechando até o próximo mês a grade de programação. AVIANCA CONSEGUE LUCRO DE US$ 75,3 MILHÕES NO 1º TRIMESTRE A Avianca Holdings, registrou no primeiro trimestre lucro líquido de US$ 75,3 milhões, quase o dobro do registrado no mesmo período do ano passado, quando o valor era de US$ 34,8 milhões. A companhia ainda registrou um crescimento de 10,7% no tráfego de passageiros e uma melhora na produtividade impulsionada pelo desempenho das operações. O Ebitda (geração de caixa) da empresa no trimestre foi de R$205,2 milhões . O valor representa uma alta de 14,3% frente ao primeiro trimestre do ano passado. A companhia também registrou um crescimento de 10,7% no tráfego de passageiros. LAN RECEBE AUTORIZAÇÃO PARA VOAR COM O BOEING 787 DREAMLINER A Lan recebeu aprovação pela Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA) para a retomada das operações do 787 Dreamliner. Nesta quarta-feira, dia 15, a companhia realizou o primeiro voo de teste depois de implementar as modificações necessárias para o sistema de bateria da aeronave.O sobrevoo ocorreu normalmente na cidade de Santiago de Chile e durou cerca de duas horas, como explica CEO da Lan Airlines, Ignacio Cueto: “A aeronave operava normalmente. Temos cumprido todas as exigências do Departamento de Aeronáutica do Chile e autoridade americana para implementar o plano certificado por eles.

“MORTADELA DO MICHELÃO” COMPLETA UM ANO Presente nos eventos mas importantes do Turismo, a Mortadela do Michelão está completando um ano de atuação de forma comercial. O produto foi criado por Michel Tuma Ness, presidente da Fenactur, e hoje é comandado por seu filho, o chef Alexandre Tuma Ness.O primeiro evento da “Mortadela” aconteceu no Wokshop CVC 2012 e foi patrocinando pela TurSP. Depois disso, outras empresas e orgãos públicos ligadas ao Turismo também colocaram a iguaria em seus estandes. A famosa Mortadela Ceratti foi degustada por milhares de participantes destes encontros neste período.Foram 31 eventos realizados; 2,9 mil toneladas da Mortadela Ceratti; 47 mil sanduiches servidos; 70 mil aperitivos de mortadela.

ALFREDO LOPES É ELEITO PRESIDENTE DO RC&VB Foi eleita em maio a nova diretoria do Rio Convention & Visitors Bureau e os Conselhos Curador e Fiscal para o biênio 2013-2015. Alfredo Lopes da Protel e Cid dos Santos Rocha, da H. Stern, foram eleitos como os novos presidente e vice-presidente do Rio CVB. Para o Conselho Curador, foram eleitos Fernando Martins Vaz Chabert, da Rede Hoteis Othon, como presidente e Manuel Vieira, da Rentamar Turismo, como vice-presidente. Paulo Senize continua como diretor-executivo da entidade. Junho de 2013 - 1ª quinzena

46 MIL BRASILEIROS NA IRLANDA EM 2012 A Irlanda do Norte recebeu 1,5 milhão de turistas estrangeiros em 2012. Número que deve ser ultrapassado neste ano, conforme estimativas do Tourism Ireland – órgão oficial de Turismo do país. E o Brasil é considerado essencial nesta estratégia. No ano passado o destino recebeu 46 mil brasileiros, contra 44 mil em 2011 e as expectativas só aumentam.“Os mercados mais tradicionais representam 80% dos nossos visitantes. Mas há países com grande crescimento, como é o caso da China, Índia e Brasil”, comentou o diretor para mercados em desenvolvimento o Tourism Ireland, Jim Paul. Entre as ações previstas para o mercado brasileiro está um site sobre o destino totalmente em Português. De acordo com Paul, a página já está em desenvolvimento e deve entrar no ar em no máximo dois meses. A ministra do Comércio do país, Arlene Foster, citou os principais atrativos da Irlanda do Norte. “Outro fator que atrai muitos visitantes é que o destino recebeu as filmagens da série Game of Thrones”, lembrou a ministra, ressaltando que é possível conhecer as locações da famosa série.

FLYTOUR VIAGENS COMEMORA 67 MIL PASSAGEIROS No final de maio a Flytour Viagens completou um ano de operação. Sob a batuta de Michael Barkoczy e Clayton Armelin – como presidente e vice, respectivamente – e com a chancela do Grupo Flytour, a operadora chegou ao mercado com a promessa era apoiar os agentes de viagens e em pouco tempo estar entre as maiores do Brasil. Um ano depois a empresa comemora a marca de 67.694 pacotes vendidos. Veja no site do M&E uma entrevista em vídeo com Barkoczy e saiba mais sobre a operadora. (confira entrevista completa na Página 3)

15


REPORTAGEM ESPECIAL

Eles fazem a diferença. Conheça o perfil dos dois maiores vendedores do Turismo no Brasil Anderson Masetto e Luiz Marcos Fernandes

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Os dois são queridos e respeitados por todos. Possuem credibilidade no Brasil e no exterior. Os resultados são incontestáveis. Cada um ao seu tempo e à sua maneira ajudam o mercado a se desenvolver e se reinventar a cada dia. Ambos dispensam apresentações, mas o M&E fez um perfil dos dois maiores vendedores do Turismo no Brasil.

16

Um chegou ao mercado em 2010 e já mostrou a que veio. O outro tem mais mais de 35 anos de experiência no setor e após pouco mais de um ano está de volta. O Turismo agradece. Enquanto o primeiro possui uma grande experiência de negócios, o outro é experiente neste mercado. Um é reconhecido pela sua agressividade nas vendas – característica que lhe rendeu o apelido de vendedor Pit Bull. Já o outro, além de grande vendedor, é um líder carismático. Ambos são visionários, mas um é mais planejador, o outro tático. As semelhanças e diferenças não param por aí. Conheça os perfis dos dois maiores vendedores do Turismo no Brasil: Luis Paulo Luppa e Valter Patriani.

Luis Paulo Luppa está na presidência da Trend desde janeiro de 2010. Desde então vem impondo o seu ritmo à operadora com constantes mudanças e a profissionalizando cada dia mais. Nas palavras do próprio Luppa, ele está preparando a empresa para o futuro. Vindo de fora do Turismo, ele tem uma visão ampla do setor, que considera ainda estar em uma fase embrionária, mas com um futuro muito promissor. “Quando cheguei no Turismo a primeira coisa que senti foi a falta de agressividade nos negócios. Eu vinha de mercados em que share era tudo. Os espaços nas prateleiras eram medidos e disputados”, lembrou. “Neste mercado, antes novo para mim, vi que o negócio estava muito mais em promover do que em vender”, complementou. Mas ao invés de se adaptar, Luppa fez ao contrário. Imprimiu a sua filosofia à empresa e vem influenciando todo o mercado. Na sua visão, um vendedor não pode viver apenas de se comunicar, pois é necessário agregar valor e mostrar os benefícios do produto e de comprar daquela empresa. “Transformamos promotores em vendedores”, disparou o vendedor “Pit Bull”, lembrando que instituiu metas à sua equipe de vendas. “Semanalmente a nossa equipe de vendedores faz 5 mil visitas presenciais”, ilustrou. Além de instituir metas, aumentar a equipe e colocar os vendedores na rua, Luppa foi conhecer melhor o setor de Turismo. Bom aluno, aprendeu rápido e já se tornou professor. Escritor reconhecido com 17 livros publicados – incluindo o best seller “O vendedor Pit Bull”, ele já soma mais de 1,5 milhões de exemplares vendidos. Ano passado, lançou o seu primeiro livro voltado para o setor, mais especificamento o agente de viagens. Trata-se do “12 mandamentos do agente de viagens”, que tinha como objetivo mostrar técnicas de vendas a esses profissionais. “No

Luis Paulo Luppa, presidente da Trend

Turismo nós temos a vantagem de vender viagens, que têm um fator emocional muito forte e este é um fator muito forte que pode ser trabalhado pelo vendedor”, explicou. Outro ponto que Luppa observou quando chegou ao Turismo é o relacionamento. Talvez em nenhum outro mercado o networking é tão importante. No “trade” isso é considerado essencial, mas no time do vendedor Pit Bull a estratégia é um pouco diferente. “O Turismo é uma grande família, onde todo mundo se conhece pelo nome. Mas nos últimos anos, estão percebendo que o networking é importante sim, mas não é mandatório”, afirmou. O que importa, para ele, é sim gerar valor, vendas e atender bem tanto os agentes de viagens, como o consumidor que receberá o produto. Na Trend, Luppa se orgulha de ter ajudado uma empresa que já era de sucesso e reconhecida pelo mercado a avançar ainda mais e de uma forma muito rápida. Apenas para ilustrar quando ele assumiu a presidência, a operadora contava com menos de 300 colaboradores. Hoje já são mais de 700. “Mudamos algumas coisas. Uma delas foi a entrada no mercado internacional e isso só foi possível graças ao meu perfil de vendedor”, contou Luppa, lembrando que pegou sua pasta e rodou o mundo nas feiras de Turismo para alavancar novos negócios.

Saiba um pouco mais sobre Luis Paulo Luppa Graduado em Direito e pós-graduado em Marketing no Brasil. Graduado em Varejo nos Estados Unidos, com cursos de especialização na Europa e Estados Unidos em Merchandising e Gestão Empresarial. Luppa iniciou sua carreira como vendedor em 1980, atuando em empresas do segmento industrial, distribuidor-atacadista, varejo e serviços Foi gerente regional de vendas, gerente nacional de vendas, diretor comercial, diretor superintendente, vice-presidente e presidente de organizações nacionais e internacionais. Em 1993 foi eleito, por uma instituição americana, um dos mil melhores executivos do mundo. Foi considerado um dos dez empresários mais poderosos do Turismo no Brasil em 2012, acumulando também os prêmios de Personalidade do Turismo – entregue pelo MERCADO & EVENTOS - em 2011 e 2012. Mostrando estar sempre à frente, Luppa foi o primeiro – e até agora o único – sul-americano a ingressar no World Travel & Tourism Council (WTTC). entidade que reúne os principais empresários e executivos do Turismo no mundo todo.


REPORTAGEM ESPECIAL

Um vendedor nato com ideias criativas

Saiba um pouco mais sobre Valter Patriani Valter Patriani iniciou sua carreira como office-boy na loja da Varig de São Caetano, onde aprendeu sobre tarifas e emissão. Após dois anos, foi trabalhar como emissor nacional e internacional na MB Turismo, também em São Caetano. Patriani atuou durante dois anos na empresa . Em 1978, ingressou na CVC como vendedor a convite de Guilherme Paulus. “Tínhamos dois funcionários na época mas um sistema de vendas fantástico e atuávamos apenas no rodoviário”. Patriani cresceu gradativamente na companhia, tendo inovado em várias frentes. Apostou na distribuição pelos agentes de viagens, abrindo uma nova frente de vendas na companhia, e implantou vendas de turismo no setor aéreo e de cruzeiros fretando navios iniciando vendas no doméstico e internacional. Mais recentemente em shoppings center, quando poucos acreditavam, estreando um novo modelo de atuação no setor. O executivo também foi presidente executivo da companhia de 2007 a 2012 quando estruturou as viagens aéreas, criando novas opções de produtos. Iniciou a venda no Brasil no segmento de viagens internacionais e de cruzeiros marítimos. Deixou a companhia em dezembro de 2011 para dar continuidade a seus projetos como empresário no ramo da construção civil, e embora continuasse atuando como Consultor para a companhia, acabou retornando à CVC em abril de 2013, a convite do fundador e presidente do Conselho Guilherme Paulus e do presidente executivo Luiz Eduardo Falco.Nesta nova etapa, Patriani fica responsável pelas áreas estratégicas de Vendas e Produtos, como Superintendente.

Valter Patriani, presidente da CVC Operadora

“Acima da troca comercial tem um sonho a ser realizado pelo cliente”. Segundo ele , a essencia da CVC são os clientes e consumidores. “Os pilares da CVC são os clientes que temos, tanto o consumidor como os nossos fornecedores”. Presente nos principais canais de vendas, a CVC, na opinião de Patriani tem adotado uma política de preços única como regra. “Os canais de vendas se completam. Por isso queremos sempre agradar ao cliente oferecendo diferentes opções”. Ao comentar sobre sua volta para a CVC e o mercado de turismo ressalta a importância do presidente Falco por sua experiência e carisma, que a seu ver têm contribuído por essa mopva fase. Ao mesmo tempo, faz uma volta no tempo e recorda sua trajetória de 35 anos na CVC. “É uma sensação de dever cumprido, por ter contribuído pela realização de tantos sonhos dos cliente da CVC e também movido por um novo entusiasmo pela

nova empreitada. Já em maio tivemos um crescimento de 20% sobre o mesmo período do ano passado, resultado da nova política que essa nova diretoria vem implementando”. Lembra que a CVC ao longo de décadas chegou também a alavancar destinos turísticos como a Serra Gaúcha e Porto Seguro. “Tínhamos no início um fretamento de 40 lugares quando começamos e hoje mandamos mais de 7 mil turistas diários para esse destino”. Patriani, torcedor do São Caetano .e vendedor nato confessa que mantem o mesmo entusiasmo dos primeiros tempos da CVC neste seu retorno. Comunicativo, e simpático, com o constante bom humor deixa uma mensagem aos principais parceiros, o agente de viagens. “Há muitas oportunidades no nosso setor. Posso dizer que cresci vendendo viagens e estou sempre aberto a receber todos eles, para uma troca de ideias, afinal eles são nossos grandes amigos e parceiros”.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

De volta a CVC, no momento em que o grupo comemora seus 41 anos, Valter Patriani diz que seu retorno como Superintendente de Vendas e Produtos é visto por ele como mais um desafio em sua vitoriosa carreira. “Vejo esse momento com um grande entusiasmo pois se trata de um desafio semelhante ao que tive quando iniciei junto com o Guilerme Paulus o projeto de expansão da CVC. Eramos um pequeno grupo mas com boas ideias e um mercado a ser explorado, como acontecwe agora neste novo ciclo de expansão da CVC Neste projeto que encara com o entusiasmo de sempre, marca característica da sua personalidade Patrianio faz questão de ressaltar a figura e o papel de Guilherme Paulus, como o grande nome do turismo brasileiro e responsável por ter levado a CVC junto com a equipe a se tornar a maior operadora de turismo do país com quase 800 lojas. “Por meio de uma política de preços baixos e um sistema de parcelamento nas vendas, o Guilherme promoveu uma política de inclusão social, permitindo a milhares de brasileiros ao lazer pela primeira vez em suas vidas”. Conhecido pela sua facilidade de vendas, comunicação e relacionamento, Patriani dá a receita para que o agente de viagens seja um bom vendedor. “Ele tem que ter um desejo de serviço, de atender bem. Ele deve fazer as tarefas mais simples, como servir o café, ou uma iniciativa que esteja ao seu alcance com a mesma facilidade que beija sua namorada”. Na sua opinião o agente de viagens é antes de tudo um vendedor e realizador de sonhos.

17


Junho de 2013 - 1ª quinzena

DESTINO

18

Eduardo Paes: “Vamos consolidar o Rio de Janeiro como destino de qualidade” Rafael Massadar “O mais importante da Jornada Mundial da Juventude, da Copa das Confederações, da Copa do Mundo e das Olimpíadas é consolidar a cidade do Rio de Janeiro como um destino de qualidade”. Assim, o prefeito Eduardo Paes, resumiu a importância de grandes eventos para o Turismo da capital fluminense. Ele destacou os investimentos realizados na sua gestão e a importância dos grandes eventos esportivos no Rio de Janeiro. “É uma oportunidade única para a nossa cidade. Temos como mudar a história de anos de descaso. A Copa do Mundo e as Olimpíadas são capacitadoras de investimentos. E nesse ponto estamos aproveitando para melhorar

Prefeito do Rio Janeiro, Eduardo Paes

nossos indicadores nas áreas de saúde, educação e segurança pública”, disse. O Rio de Janeiro se destaca entre as cidades-sede da Copa de 2014 que estão recebendo investimentos na infraestrutura para o transporte. O governo federal disponibilizou cerca de R$ 30 bilhões para melhorar o trânsito e a qualidade do transporte coletivo nas grandes cidades. “A mobilidade urbana do Rio se dá pela construção de vias só para ônibus, investimentos no metrô e trens e o tempo de locomoção será reduzido nos quatro corredores que estão sendo construídos. Cerca de dois milhões de passageiros vão usar o serviço. A meta é dobrar o número de usuários do transporte público até 2025. O prazo final para entrega das obras é a Olimpíada de 2016”, explicou o prefeito. Com a linha expressa BRT Transoeste já em funcionamento e a Transcarioca e a Transolímpica com obras adiantadas, apenas a linha Transbrasil ainda não começou a ser construída, o que está previsto para acontecer em junho de 2013. “Há dois anos e meio ninguém imaginaria que estivéssemos com algumas obras tão avançadas. Já viabilizamos a linha Transoeste e a conclusão dos demais BRTs está em andamento. Assim como outras intervenções, caso do Porto Maravilha, que contará com os Veículos Leves sobre Trilhos (VLT). E o Estádio Maracanã que está com mais de 50% das obras concluídas”, afirmou Eduardo Paes.

Exemplo de Londres para as Olimpíadas

Totalmente remodelado, Maracanã está pronto para receber grandes eventos internacionais

O prefeito também comentou sobre três decretos com isenção fiscal para benefícios ao setor hoteleiro e outras áreas com vistas à realização da Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016. Na ocasião; Eduardo Paes confirmou que para a área do Porto Maravilha estão autorizadas as construções de apart hotéis. Também os bairros do Leme e Copacabana ganham novos gabaritos. “Estas medidas são para incentivo ao setor hoteleiro, assim como a Parceria Público Privada no valor de R$ 8 bilhões para o Porto Maravilha”; explicou. O pacote de incentivos fiscais inclui a instalação de novos hotéis com isenção de IPTU durante a construção dos esta-

belecimentos e redução da alíquota do ICMS para 0,5% para serviços voltados para essas obras. A compra de terrenos também terá isenção de ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis). Além de benefícios fiscais, o pacote da Copa e das Olimpíadas libera algumas áreas da cidade para a construção de empreendimentos hoteleiros, como as avenidas das Américas, Ayrton Senna e Salvador Allende, na Barra da Tijuca, e áreas dos bairros do Alto da Boa Vista, Guaratiba, Ilha do Governador e Flamengo, entre outros. Para incentivar novos hotéis nos bairros de Copacabana e Leme, parâmetros urbanísticos foram alterados. Ainda será permitido construir apart-hotéis no Centro e na área portuária.

Maracanã: palco da grande final da Copa das Confederações e do Mundo de 2014 Uma das 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, o Rio de Janeiro é um dos principais centros culturais e econômicos do país, dono de alguns dos mais belos cartões-postais brasileiros. O Corcovado, o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, Copacabana e Ipanema estão no imaginário do mundo, e inspiraram grandes obras de artistas como Noel Rosa e Ary Barroso, Cartola e Ataulfo Alves, Tom Jobim e Vinícius de Morais. As melhorias trazidas pelos preparativos da Copa se unem aos projetos da cidade para receber as Olimpíadas em 2016 e motivam o surgimento de

um Rio mais preparado, confortável e seguro para os turistas. O Maracanã vai receber sete jogos, incluindo a grande final do Mundial, quando a seleção vencedora será conhecida. A estimativa é que ele seja entregue à Fifa até abril deste ano. O estádio está em obras, com projeto da Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop), que compreende a reconstrução da arquibancada inferior, geometria oval – para melhorar a visibilidade –, 108 camarotes e acesso por rampa monumental, além de novo gramado, cobertura, fachada, banheiros e outras instalações. O camarote já está pronto e decorado. Enquanto os antigos ficavam a 180 metros de distância do campo, os novos estão localizados a 80 metros. “Os antigos camarotes eram fechados,

pareciam um aquário. Agora, os torcedores vão poder sentir a vibração da arquibancada”, disse Ícaro Moreno Júnior, presidente do Emop. Os demais frequentadores do Maracanã também terão mais conforto. Além da nova cobertura que vai proteger 95% dos assentos, o estádio receberá cinco tipos diferentes de cadeiras, distribuídas entre arquibancada, cadeiras especiais, cadeiras premium, camarotes e tribuna de honra. Haverá ainda novos restaurantes e lojas, distribuídas em vários pontos do complexo, 60 bares (mais do que o dobro do que existia antes) e 231 casas de banho, 67 deles destinados aos portadores de necessidades especiais. O projeto prevê ainda que o estádio seja totalmente esvaziado em até oito minutos, em caso de emergência.

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse que a cidade usará as lições de Londres e seguirá o exemplo da capital da britânica para sediar os melhores Jogos Olímpicos da história, apesar das diferenças econômicas entre as duas cidades. “Londres não desperdiçou dinheiro em coisas loucas. Nós faremos o mais simples possível. A maioria das instalações será temporária e só faremos instalações fixas se elas realmente forem usadas no futuro”, afirmou. A Prefeitura já iniciou a construção do Parque Olímpico da cidade, principal estrutura para os Jogos. O então Autódromo de Jacarepaguá (Nelson Piquet) foi desativado para dar lugar a arenas esportivas de 14 modalidades olímpicas. A construção está a cargo do consórcio Rio Mais, formado pelas empreiteiras Norberto Odebrecht, Andrade Gutierrez e Carvalho Hosken. Em março deste ano, essas empresas ganharam a licitação da Parceria Público-Privada (PPP) que escolheu os responsáveis pela obra. O consórcio Rio Mais deve investir cerca de R$ 1,35 bilhão no Parque Olímpico. O governo não pagará todo esse valor às empresas. Ele repassará os direitos sobre o terreno do autódromo por 15 anos para o consórcio. As empresas vão poder explorar comercialmente o local. Poderão, por exemplo, vender prédios que serão erguidos ali após a Olimpíada. Com isso, serão remuneradas pelo investimento. Para o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, esse acordo para a construção do Parque Olímpico é uma das grandes inovações da obra. Com ele, o governo municipal contrata a construção de uma estrutura necessária para a Olimpíada, mas não paga diretamente por elas. “Já estamos fazendo investimentos públicos. No Parque Olímpico, ele será predominantemente privado”, concluiu.


DESTINO

Arcos da Lapa, Cristo Redentor e Praia de Copacabana, alguns dos principais pontos turísticos da cidade

Rio de Janeiro: seja dia ou noite, a cidade continua linda

JMJ 2013: Fé e Turismo caminhando juntos A Jornada Mundial da Juventude, que acontece de 23 a 28 de julho, deve reunir cerca de 2,5 milhões de pessoas, de 190 países, no Rio de Janeiro. O evento ficará marcado e vai voltar às atenções do mundo para o Brasil, pois na ocasião, o novo Papa Francisco vai fazer sua primeira viagem internacional. No dia 25, o Papa chegará de helicóptero ao Forte de Copacabana, de onde seguirá, de papamóvel, pela Avenida Atlântica até o palco que será montado no Leme. A passagem do Papa pela Praia de Copacabana é a celebração chamada de cerimônia de acolhida do Sumo Pontífice. Os Atos Centrais compreendem cinco grandes eventos. Três serão em Copacabana: a missa presidida pelo Arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, sem a presença do Papa, no dia 23; a cerimônia de acolhida, no dia 25, e a Via-Sacra, no dia 26, ambos com o Pontífice. Os outros dois ocorrerão no Campus Fidei, em Guaratiba, com a participação do Papa: a Vigília e a Missa de Envio, que marca o encerramento da JMJ e o anúncio da próxima sede.

cidade, é uma opção para quem deseja desfrutar das melhores casas de samba do Rio de Janeiro. Lá, o burburinho das ruas se transfere para o interior das diversas casas noturnas. Os tradicionais bares que animam a vida boêmia do local se estendem principalmente pela Avenida Mem de Sá e pela Rua do Lavradio, as duas vias mais movimentadas durante a noite. Sobram boas indicações de bares, como o Rio Scenarium, Sacrilégio, Centro Cultural Carioca, Democráticos, Carioca da Gema e Lapa 40°, que

além de bons cardápios, contam com programação musical para agitar a noite e fazer qualquer um dançar. Outros que também ficam cheios, como o Antonio’s e o Botequim Informal, reúnem uma galera bonita e animada, que se encontra para conversar, rir e paquerar. Bem perto dali está o charmoso bairro de Santa Teresa, um atrativo à parte. Polo artístico e intelectual de ruas estreitas, casarões antigos e muitas atrações culturais. O fato de ser frequentado por escritores, fotógrafos, artistas plásticos,

jornalistas e pessoas descoladas em geral, já vem de muito tempo. Santa Teresa serviu de cenário para grandes romances da literatura brasileira. O bairro oferece muitas opções de restaurantes, bares e cafés. Misturando cachaça, comida mineira e arte contemporânea está o Bar do Mineiro, embalado pelo samba está o Simplesmente, para quem quer arriscar a comida bem temperada do Norte a opção é o Espírito Santa, já quem busca a culinária européia ficam o Adega do Pimenta - com pratos alemães - e a Alda Maria - com doces portugueses.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Além das belezas naturais evidentes, o Rio de Janeiro merece destaque em outro aspecto: sua gente. O carioca é um povo diferente. A cidade tem bom humor e você se sente em casa assim que pisa na terra abençoada pelo Cristo Redentor. Também, com tamanha beleza, é difícil não rir a toa e ficar de bem com a vida, já cantavam os gênios da Bossa Nova, que também teve seu nascimento na Cidade Maravilhosa. Além dos clássicos pontos turísticos – todos imperdíveis –, o destino oferece tudo que você quiser e mais um pouco. Em termos de diversão, o Rio está entre as cidades brasileiras com maior variedade de lugares e programas, sem falar do Carnaval, que é um dos principais marcos nacionais. A cidade, que já foi a capital do Brasil, hoje se prepara para ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2014 e sede oficial dos Jogos Olímpicos de 2016. O Rio tem algumas das mais belas praias do mundo. Mas você vai querer também explorar o destino, que possui uma belíssima arquitetura durante o dia. A viagem de bondinho até o Pão de Açúcar oferece bela vista da cidade. Faça o passeio ao pôr-do-sol, se puder. A visita ao Cristo Redentor também não pode ficar de fora do roteiro. Algumas das mais belas e famosas praias do mundo estão no Rio, como as de Copacabana e Ipanema. Para tirar fotos ou tomar uma água de coco apreciando a vista do Morro da Urca, os points são o Aterro do Flamengo e a Enseada do Botafogo. Há quem pense que o lazer no Rio de Janeiro se restringe as praias. Mas há muito mais a se fazer. Uma visita ao Jardim Botânico também é boa dica. O local reúne oito mil espécies de flores e plantas do Brasil e do mundo. Há palmeiras imperiais centenárias. Outra opção é ir ao Centro Histórico. Da igreja da Candelária até a Praça Quinze, há vários Centros Culturais. Há o Centro Cultural Banco do Brasil, a Casa França Brasil, o Centro Cultural dos Correios e o Paço Imperial, além de bons restaurantes nas ruas do Mercado, do Rosário e do Ouvidor. Caia no samba na noite carioca - Depois de curtir o dia, prepara-se para a noite carioca. A Lapa, conhecido bairro boêmio da

19


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

Junho de 2013 - 1ª quinzena

A FLÓRIDA EM SEU QUINTO CENTENÁRIO

20

Uma ponte entre os Estados Unidos e as Américas

Por Gary Mormino

E

m 1513, com a chegada dos espanhóis a St. Augustine, o Novo Mundo e o Velho Mundo se uniram em um processo mútuo de descoberta. Foi então que realmente teve início a globalização. Quando retornavam de suas expedições, os navegantes espanhóis costumavam comunicar suas observações no aposento mais secreto de Sevilha. Foi lá que, há 500 anos, apareceram os contornos de um Novo Mundo, em pergaminho e linho. No Padrón Real (o registro real), desenvolveu-se o mapa de um mundo recém-descoberto. Apareceu pela primeira vez uma nesga de terra ao norte de Cuba. Com o tempo, o mapa revelou que a Flórida não era uma simples ilha, mas o prolongamento de um imenso continente. Afinal, aonde pertence a Flórida? Foi aqui, enfatiza o historiador Michael Gannon, que apareceram as primeiras igrejas, missões, seminários, escolas, bancos, hospitais, ranchos de gado, plantações de frutas cítricas e mercados públicos. Desde então, a Flórida é TANTO o Estado mais meridional dos Estados Unidos QUANTO o posto avançado localizado no extremo norte do Caribe: a ponte e a porta de entrada para a América do Norte. Dependendo do ponto de onde se olha – Tallahassee ou Miami –, a Flórida é um estado de espírito e um Estado de contrastes. O evento mais grandioso da história da Flórida aconteceu em 1513, provavelmente envolvendo

um marinheiro espanhol ou um frei franciscano caminhando pela praia e deparando-se com um guerreiro da tribo Timucua ou com um pajé da tribo dos Tequestas. A importância do ano de 1513 se resume não apenas no chamado “descobrimento” – afinal de contas, os nativos já residiam nessa península há mais de 10.000 anos. A importância de 1513 jaz na interação que se seguiu. O Novo Mundo e o Velho Mundo se fundiram no que os historiadores chamam de “O Intercâmbio Colombiano”. Todas as descobertas eram mútuas. Da Europa e da África vieram outros povos, mas também novas plantas e animais, como cavalos, vacas, porcos e galinhas, bem como trigo, arroz, cana de açúcar e laranjeiras. E doenças catastróficas, contra as quais não existia imunidade para os nativos. As Américas também introduziram batatas e tomates, amendoim e pimentões, maisena, tabaco e chocolate – novidades que revolucionaram a dieta global moderna. A globalização não teve início nos anos 80 ou

90; esse fenômeno surgiu no século 16. Uma colheita de trigo malsucedida em Castela, um furacão devastador na Ilha de São Domingos (Hispaniola) e o preço do couro curtido em Córdoba afetaram a vida dos floridenses. Em Pensacola e em St. Augustine, os funcionários da realeza comiam em pratos de porcelana chinesa, rezavam usando terços florentinos, bebiam em canecos da Bavária, liam livros impressos em Amsterdã e disparavam canhões suecos. Por sua vez, os soldados espanhóis geralmente comiam em pratos de cerâmica índia de Guale, feitos pelas mulheres das tribos Apalachee ou Timucua. A Flórida tornou-se incubadora e berço da construção de novas instituições. Foi aqui, enfatiza o historiador Michael Gannon, que apareceram as primeiras igrejas, missões, seminários, escolas, bancos, hospitais, ranchos de gado, plantações de frutas cítricas e mercados públicos. Também foi aqui que teve origem a escravatura e onde surgiu o primeiro assentamento legal de colonos negros livres

dos Estados Unidos, o Forte Mose. Quando Bob Martinez assumiu o cargo de governador há 25 anos, os eruditos o aclamaram como o primeiro governador hispânico da Flórida. Os historiadores rapidamente observaram que Bob Martinez era o 50º governador hispânico, aquele que compreendeu as respostas históricas que seus precursores costumavam dar aos seus superiores, a partir de terras distantes: “Obedezco pero no cumplo!” (Obedeço, mas não cumpro!). Ironicamente, a mítica Fonte da Juventude que Ponce de León tanto procurou é hoje realidade, depois que milhões de aposentados de Kalamazoo e Kokomo se mudaram para locais como Pembroke Pines e Cape Coral em busca de melhores oportunidades e de restauração da juventude – ou, pelo menos, de uma melhor qualidade de vida. Como um símbolo de liberdade e oportunidade, a Flórida continua a ser o porto seguro dos centro-americanos e dos sul-americanos que se deixam atrair pelo sonho americano. Quão apropriado que um lugar que foi chamado de “a Flórida” pela primeira vez em 1513 – colônia, território e Estado formado pelos floridenses de fala hispânica – tenha-se transformado na estrela-guia da vida hispânica no início do novo milênio! Que o futuro da Flórida seja tão brilhante e dinâmico quanto o seu extraordinário passado! Gary R. Mormino é professor de história da Flórida, pela Fundação Frank E. Duckwall, na Universidade de South Florida, St. Petersburg.


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

21


VISITFLORIDA.com/portugues

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Publieditorial

22

Diga HELLO a Adora fazer compras? Descubra a conveniência e o valor de comprar num destino chique e descontraído. Em Greater Fort Lauderdale, é fácil de exibir seu senso ensolarado de moda nas várias boutiques, departamentos de lojas e outlets de grife. Há passeios de compras especiais para grupos e ônibus locais da praia. E, a maioria dos hotéis oferecem fácil acesso aos principais centros de compras para o viajantes sem carro. Você pode até mesmo fazer compras de táxi aquático. Então traga malas extras!

Um tesouro de pechinchas Sawgrass Mills é o maior centro de desconto e entretenimento do mundo. Com mais de 350 lojas de marca e lojas de varejo, você está certo de encontrar ofertas tentadoras. Novas lojas incluem Columbia Sportswear, DKNY, Steve Madden, Polo Ralph Lauren Boys, Polo Ralph Lauren Girls, Greg Norman, Michael Kors e bare Minerals. Nos Colonnade Outlets da Sawgrass se encontram os principais designers de luxo, incluindo Prada, Kate Spade, Bloomingdale’s Outlet, Saks Off 5th, Theory, Tory Burch e muito mais. Varejista de Moda Perna e Corpo Wolford e designer italiano de jóias da marca Ippolita acabam

GREATER

Fort Lauderdale Greater Fort Lauderdale recebe visitantes do mundo todo. A partir do momento que você deixar o aeroporto, você está cercado por céu azul, palmeiras e rostos sorridentes - das praias de águas azuis cristalinas aos exóticos Everglades da Flórida.

de abrir junto com a Dreamhouse Barbie, a única nos EUA. Continue a caça as pechinchas no Swap Shop, o mercado das pulgas, oferecendo um complexo comercial interno e ao ar livre com mercadorias de marca e um drive-in com 14 telas de cinemas e o Festival Flea Market, um mercado coberto com mais de 500 lojas vendendo jóias, roupas, sapatos e qualquer outra coisa que você possa imaginar.

Aumentando o Estilo Visite o Galleria Mall, um ambiente sofisticado para suas compras, onde você encontrará varejistas mundialmente famosos como Macy’s, Neiman Marcus e Dillard’s, juntamente com restaurantes de luxo e o Red Door Spa de Elizabeth Arden. Las Olas Boulevard é conhecido como “Mile Style” de Greater Fort Lauderdale, repleto de butiques, restaurantes com lounges animadas e cafés com mesas na calçada. Las Olas é também uma importante parada ao longo do sistema de Water Taxi de Greater

Fort Lauderdale. The Village no Gulfstream Park, em Hallandale Beach e The Promenade em Coconut Creek são alguns dos mais recentes shopping ao ar livre e de entretenimentos com grandes varejistas, complementados por lojas de acessórios, restaurantes, cafés e bares.

Descontos de Verão O verão é a época perfeita para visitar Greater Fort Lauderdale. Quando você quiser fazer uma pausa para as compras, você pode desfrutar de infinitas maneiras para economizar com 2-por-1 nas atividades mais quentes da área. Mergulhe e snorkel, veleje em uma aventura de barco nos 480 quilômetros de canais navegáveis, descubra o seu lado selvagem em um passeio de barco nos Everglades, ou chegue de barco ou paddleboard para uma experiência descontraída em um dos vários restaurantes à beira dos canais. Visite sunny.org/summer para saber mais. Ou tire proveito do nosso pacote assinatura para os viajantes mais exigentes. “Férias como um VIP” quando você escolhe um dos 11 hotéis de Luxo de Lauderdale e recebe um upgrade gratuito de quarto, US $ 100 de crédito no resort, estacionamento com manobrista de cortesia e cartão de US$25 do American Express Gift. Detalhes no sunny.org/vip


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

23


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

SAWGRASS MILLS continua a crescer Junho de 2013 - 1ª quinzena

Todas as suas compras podem ser encontradas no maior Outlet e Lojas de Varejo dos Estados Unidos

24

C

omprar nunca foi melhor do que no Sawgrass Mills. Mais de 30 novas lojas foram abertas no ano passado, incluindo a nova ala Fashion Row e uma expansão dos The Colonnade Outlets no Sawgrass Mills, centro dos outlets de luxo. Outlets incluem Gucci, Diane von Furstenburg, UGG Australia, Steve Madden, DKNY, Columbia Sportswear, Old Navy Outlet, Asics, Bare Essentials e muitos outros. Em adição, lojas favoritas estão se expandindo para trazer uma maior seleção para Flórida. Calvin Klein concluiu recentemente uma grande mudança e expansão para o Fashion Row e atualmente estão em andamento expansões da Victoria Secret e Forever 21. Sawgrass Mills abrange todas as categorias de compras, de eletrônicos a jóias, vestuário para mulheres, homens, adolescentes e crianças, brinquedos, artigos esportivos, malas e muito mais. Você pode até comprar tudo o que precisa para os principais acontecimentos da vida, como uma nova casa com móveis ou para o novo bebê, roupas, carrinhos e tudo na lista de um casal de noivos ou se esperando bebê. É quase um segredo que no Sawgrass Mills encontra-se o BrandsMart USA, a superloja líder em eletrônicos da Flórida. BrandsMart USA estoca todos os tipos de eletrônicos que se possa imaginar, desde computadores, tablets e telefones a geladeiras e televisões. MAIS DE QUE COMPRAS - Barbie, A Dreamhouse Experience - abriu recentemente. Sawgrass Mills é o lar da primeira e única Barbie, The Dreamhouse Experience dos Estados Unidos. Barbie™ A Dreamhouse Experience traz a casa de brinquedo icônico “Barbie™ Dreamhouse ®” para a vida real aos fãs de todas as idades. Com toques interativos e personalizados, os clientes terão a oportunidade de descobrir salas diferentes, salas de estar e de explorar os 930 metros quadrados desta versão gigantesca da casa da boneca Barbie® Dreamhouse® para uma experiência sem igual.

Sawgrass Mills - Mais de 350 lojas  Adidas  Ann Taylor Factory Store  Armani Outlet  Asics  A/X Armani Exchange  bareMinerals  Bass Shoes  Banana Republic Factory Store  BCBG Max Azria  Bed Bath & Beyond  Bloomingdale’s – The Outlet Store  BrandsMart USA  Burberry Factory Outlet  Calvin Klein  Carter’s Children’s Wear  Coach Factory  Cole Haan  Converse  Crocs  Diane von Furstenberg  Disney’s Character Warehouse  Eli Tahari Outlet  Escada Company Store  Forever 21

 Fossil Company Store  Furla  G by Guess  Gap Outlet  Guess Factory Store  Gymboree Outlet  Hugo Boss Factory Store  Hurley  Hush Puppies, Merrell, Sebago  J. Crew/Crewcuts  Janie & Jack Outlet  Judith Ripka  Juicy Couture  Justice  kate spade new york  Kenneth Cole Outlet Store  LACOSTE Outlet  Le Creuset  LEGO  Levi’s Outlet Store  L’Occitane  Lucky Brand Jeans  Marshalls  Maxstudio.com

 Michael Kors  Motherhood Maternity Outlet  Nautica Factory Store  Neiman Marcus Last Call  Nike Factory Store  Nine West Outlet  Oakley Vault  Old Navy Outlet  OshKosh B’Gosh Outlet  Prada  Puma Outlet  Quicksilver  Reebok/Rockport Outlet Store  Ron Jon Surf Shop  Salvatore Ferragamo Company Store  Samsonite Company Store  Sketchers  Sports Authority  St. John Company Store  Steve Madden  Stride Rite Keds Sperry  Stuart Weitzman  Super Target

 Swarovski  TAG Heuer  Timberland  Tommy Bahama Outlet  Tommy Hilfiger Company Store  Tommy Hilfiger Kids  Tory Burch  Toys R Us  True Religion Brand Jeans  Tumi  UGG Australia  U.S. Polo Assn.  Volcom  Victoria Secrets  E muito mais. LOJAS OUTLETS A SEREM ABERTAS BREVEMENTE  New Balance  O’Neil  Roberto Cavalli  Versace


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

ST. PETE / CLEARWATER

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Há um lugar na costa oeste da Flórida que irradia muitas das qualidades que os turistas procuram em férias na praia. Situada numa península ensolarada que separa o Golfo do México de Tampa Bay, St. Pete/Clearwater é conhecido por suas 35 milhas de espetaculares praias de areia branca.

25

S

ão praias tão notáveis que permanentemente ganham prêmios de autoridades de viagens mais respeitadas do mundo. Na verdade, quatro praias da região foram nomeados para o 2013 TripAdvisor Travelers ‘Choice Awards Top 25 Praias dos EUA. A lista inclui St. Pete Beach, votado nº 1 como destino de praia nos EUA e nº 5 do mundo em 2012. Os elogios são inigualáveis por qualquer outro destino nos Estados Unidos. Quando você visitar St. Pete/Clearwater, você realmente descobriu as melhores praias dos Estados Unidos. Mas se você acha que uma praia é igual a qualquer outra, prepare-se para ser surpreendido. Viajando ao longo da costa do golfo, o visitante pode encontrar maravilhas intocadas como o Caladesi Island State Park, praias clássicas que parecem resorts como St. Pete Beach; praias energéticas cheias de atividades como Clearwater Beach, ou praias favoráveis para famílias e cães, como Fort De Soto Park. Há uma praia para cada gosto, e cada uma é uma jóia em sua própria maneira. Mesmo sem esses tesouros de areia branca, St. Pete/Clearwater é um paraíso para o amante do ar livre. Pense em uma atividade

ao ar livre e você pode fazê-la aqui. Caminhadas. Biking. Pesca. Vela. Parapente. Caiaque. Golfe. Birdwatching. Uma lista sem fim. O clima é graciosamente acolhedor. Dons naturais da região são aparentemente intermináveis também. Além das praias repletas de palmeiras se encontram manguezais costeiros, parques cénicos e reservas naturais, e, claro, abundante vida selvagem - de golfinhos, peixes e tartarugas marinhas a pelicanos e pássaros. Os visitantes encontrarão criaturas fascinantes em toda a área, na terra e na água. Uma das mais amadas é um golfinho chamado Winter, que faz de sua casa o Aquário Marinho de Clearwater. Winter perdeu a cauda quando se engalhou na linha de uma armadilha de pegar caranguejo. Foi transportado para o aquário onde enfrentou uma reabilitação longa e incerta, aprendendo a se adaptar a uma cauda protética. Em 2011 sua história de superação tornou-se no grande filme, Dolphin Tale. Hoje, Winter encanta e inspira visitantes de todas as idades. Mas St. Pete/Clearwater oferece muito mais do que belezas naturais. A área tornou-se um reconhecido destino cultural, vibrante e em constante evolução. A jóia da coroa é o aclamado Museu Dali de St. Petersburg, que abriga a mais completa coleção de

trabalho do surrealista espanhol fora da Espanha. Dentro e fora, o museu é um deleite curioso e recompensador para os olhos. Outros destaques culturais incluem as instalações de vidro da Chihuly Collection e o Museu de Belas Artes, ostentando obras de Monet, Gauguin, Renoir e muitos outros. Para artes cênicas aficionados, a região de St. Pete/Clearwater tem espaços grandes, suficientes para acolher espectáculos da Broadway e outros grandes eventos, bem como locais mais íntimos apresentando música, teatro e dança. 26 comunidades distintas da região oferecem surpresas culturais. Povoados históricos, como Gulfport e Dunedin de influência escocesa são paraísos para os artistas locais, oferecendo galerias e restaurantes exclusivos, em um ambiente despretensioso e descontraido.E a cidade de Tarpon Springs, estabelecida por imigrantes gregos que iniciaram a indústria da esponja, uma vez próspera, agora atrai visitantes, com várias lojas e restaurantes de cozinha tradicional grega. De certo modo, St. Pete/Clearwater representa dois mundos: um coroado por arte e cultura, o outro por uma beleza natural. É um lugar que abre a porta para experiências ricas, contrastantes e memoráveis.


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Melhores

26

coisas para fazer em Tampa Bay

E

mbora saibamos que Tampa Bay tem muito a se explorar, estamos sempre prontos para entregar as chaves para a aventura! Esta lista dos 7 melhores tesouros de Tampa Bay torna mais fácil para explorar o melhor que a região tem para oferecer. Então, venha descobir um destino cheio de cultura, história rica e experiências preciosas.

Deliciar-se com uma dose elevada de açúcar em uma visita ao Berns’ Dessert Room - completa com cabines privadas feitas de barris de vinho antigos e uma atmosfera com bebidas depois do jantar, conversas mais calmas e um menu de 65 Páginas de variedades tentadoras de sobremesas exclusivas.

Comprar até não poder mais - a transição para o varejo de alta qualidade em Tampa Bay começou em 1998 com a abertura da Sak’s Fifth Avenue no WestShore Plaza. A abertura do International Plaza, em 2001, colocou ainda mais no mapa a área da baía como um mercado de varejo de classe mundial. Com mais de 350 lojas entre os dois centros comerciais, aqueles em busca de qualidade, luxo e alta moda pode encontrar o balance perfeito em Tampa Bay!

Andar de montanha russa no Busch Gardens - Fazer um passeio emocionante no Cheetah Hunt, a mais nova mega-atração do parque e a primeria montanha-russa de lançamento triplo da Flórida, que lança os passageiros de 0 a 60 em questão de segundos.

1

Comer um sanduíche cubano na “Home of the Original Cuban Sandwich” - Tampa tem o Original Cuban Sandwich e vários lugares para você experimentar o melhor, incluindo o Columbia Restaurant e Gaspar’s Grotto na parte histórica de Ybor City, onde o sanduíche cubano foi criado. Em 2012, o sanduíche cubano foi nomeado o sanduíche oficial da cidade de Tampa!

2

Assistir a um espectáculo de flamenco no Columbia Restaurant - O mais antigo restaurante na Flórida e o maior restaurante espanhol no mundo! Mas eles também apresentam um entretenimento incrível - dançarinos de flamenco. Estes dançarinos surpreendem os espectadores durante as apresentações noturnas de 40 minutos.

3

4 5

Presenciar a produção de um charuto feito à mão - A histórica Ybor City já foi conhecida como a Capital charuto do mundo, produzindo anualmente mais de 700 milhões de charutos enrolados à mão em seu pico. Apesar há apenas duas fábricas de charutos que ainda estão ativas neste agora próspero bairro histórico e de muito entretenimento, você ainda pode ver cigarros sendo enrolados à mão quando você anda pela Seventh Avenue, que foi reconhecido nacionalmente pela American Planning Association como uma das “10 melhores ruas da América “, em 2008.

6

Fantásticos Eventos Especiais - Tampa Bay é um lugar que sabe como comemorar. Não importa a época do ano que você escolher para visitar, a cidade tem sempre um evento especial, divertido e emocionante para você participar e

7

Sobre Tampa Bay

a ificada, Tampa Bay tem um A região dinâmica e divers rabei ção liza loca sua de . Des excelente qualidade de vida de seus residentes, a área tem -mar a hospitalidade sulina ca e espírito acolhedor. A úni orgulho de sua vitalidade a e ant dur tas bando de pira cidade a ser invadida por um ntos especiais e festivais eve , celebração anual Gasparilla ião. De passeios de balão, são parte da cultura da reg ureza exuberante aos bairros fazendas de morango e nat e é difícil igualar. Facilment tranquilos, caráter da região de cida da lo esti o com l tura cul combina sua herança rica e erienciar, rapidamente as pes grande. Com tanto a se exp ica. ênt aut e te nan ocio em ole soas descobrem uma metróp

desfrutar. Desde a invasão pirata Gasparilla a uma série de festivais de gatronomia e vinho, os nativos de Tampa sabem como fazer uma festa. Na verdade, eles estão sempre procurando novos convidados especiais, então venha se divertir!


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

Gastronomia e diversão na Disney Q

A atração que substituiu a Toor Town da New Fantasyland chama-se Storybook Circus e, como o nome deixa claro, é um pedaço dedicado à temática circense. Muitas tendas colorem esse pedaço do Magic Kingdom. Numa delas fica a Pete’s Silly Sideshow, onde você pode tirar fotos com os personagens Disney. Outras opções são o Dumbo The Flying Elephant (Dumbo, o Elefante Voador), onde as crianças embarcam no elefantinho e dão voltas no céu nos 32 carrinhos flutuantes. Os pequenos que gostam de “velocidade” podem se aventurar na montanha-russa do Pateta. Ou ainda tomar um “banho” de água no parquinho molhado Casey Jr. Splash ‘n’ Soak Station. NOVA GASTRONOMIA Entre as novidades da New Fantasyland, destaque para a gastronomia. Embaixo do Castelo da Fera fica localizado o restaurante Be Our Guest, que oferece uma experiência de jantar de luxo no salão de baile. Além das altas janelas em arco no salão de festas, há vista para o interior da França, onde uma leve “neve” cai. Com capacidade para 550 pessoas, o restaurante Be Our Guest oferece refeições rápidas nos almoços e gastronomia de inspiração francesa com serviço completo de mesa nos jantares. Andando mais um pouco você encontra a Gaston’s Tavern e pode ter a sorte de encontrar o próprio Gaston, personagem de Bela e a Fera, na entrada de sua taverna. Na Taverna, mais uma novidade criada pelos parques de Orlando. A Disney cria o LeFou’s Brew, um suco de maçã gelado e sem açúcar com uma pitada de marshmallow torrado, coberto com espuma natural de maracujá e manga. O público aprovou. As canecas com a bebida se espalhavam por todos os lugares. SPLITISVILLE Downtown Disney ganhou mais uma atração: Splitsville. O espaço conta com 30 pistas de boliche (20 no primeiro andar, 10 no segundo andar), cinco bares, dois bares de sushi, um pátio ao ar livre em ambos os pisos e música ao vivo todas as noites. MAGIA O ANO INTEIRO O complexo Disney promete “mágicas experiências” ao longo deste ano com o Limited Time Magic (Magia Por Tempo Limitado), com duração de 52 semanas. O clima de romance vai estar em todos os lugares. Artigos de São Valentin serão vendidos por tempo limitado e eventos de entretenimento devem marcar o período, incluindo jantares românticos a dois e novos lugares para fotos temáticas com os personagens da Disney. Estão previstas ainda a Semana da Independência, Semana Pirata e Long Lost Friends Week.

Novo site e aplicativos em português O Walt Disney World Resort lançará neste mês o MyMagic+. São novos site e aplicativo que oferecem a chance de garantir lugares para desfiles, shows, interações com personagens e FastPasses, antes mesmo de chegar ao parque. Os hóspedes do complexo usarão pulseiras chamadas MagicBands, que servem como chave de quarto, ingresso e FastPass.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

ue tal montar o carro dos seus sonhos? Agora isso é possível, pelo menos quando você estiver na Disney. O Test Track, localizado no Epcot, foi remodelado. A atração sempre foi uma das principais do local e agora conta com a parceria da Chevrolet. Mais interatividade e tecnologia marcam o novo modelo. A versão atual enfatiza o projeto de desenvolvimento de carros novos e mantém a emoção original da atração, inaugurada em 1999, mas com um olhar totalmente novo. Os recursos visuais e de áudio da pista do Test Track, por exemplo, foram substituídos. Na seção de alta velocidade, os visitantes terminam o percurso numa área de exposição de carros onde é possível posar com os modelos da marca. É só escolhar e seu preferido e sorrir para a câmera.

27


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

SeaWorld Parks & Entertainment, além dos shows e montanhas-russas

Junho de 2013 - 1ª quinzena

P

28

oucas organizações no mundo estão tão comprometidas com a conservação e a educação ambiental como está o SeaWorld Parks & Entertainment. Além de estimular todos os anos milhões de visitantes a celebrarem e conservarem a natureza por meio do entretenimento, o grupo é líder global no resgate e reabilitação de animais em risco e referência em pesquisa e projetos de reprodução de espécies em extinção. Somente em 2012, a companhia investiu US$ 2,5 milhões em programas que visam garantir a preservação de espécies na vida selvagem. O comprometimento dos parques com a pesquisa e a preservação também tem gerado avanços em relação aos cuidados oferecidos aos animais, tanto nos zoológicos quanto nos ambientes selvagens. Os parques SeaWorld possuem uma comunidade com mais de 7 mil animais marinhos e terrestres além de 60 mil peixes, incluindo 200 espécies ameaçadas de extinção. Cerca de 80% dos animais marinhos dos parques nasceram por meio de programas de reprodução do grupo, sendo que entre eles estão 29 orcas, 151 golfinhos e 115 leões marinhos. O grupo é líder global na reprodução, treinamento e tratamento de animais.

TIGRES RAROS: Um exemplo de sucesso foi o nascimento de três filhotes de tigres de uma espécie rara, chamada Malaios, no final de março no Busch Gardens Tampa Bay, na Flórida. Trata-se de dois machos e uma fêmea que pesam entre dois e três quilos e estão sendo monitorados integralmente pela equipe de veterinários do parque. Os filhotes e seus pais ainda não estão aptos para visitação, mas em aproximadamente um mês, os profissionais do Busch Gardens vão começar a introduzir os novos membros da família ao habitat Jungala. Até lá, os recém-nascidos permanecerão nos bastidores do parque sob os cuidados de sua mãe e da equipe de veterinários. Esses nascimentos foram muito importantes para a preservação da espécie, que está ameaçada de extinção. Cientistas estimam que existam apenas 500 indivíduos no meio ambiente. Os recém-nascidos irão incrementar a diversidade genética da população de tigres malaios, contribuindo para a conservação da espécie. O projeto de reprodução foi realizado em parceria com o Plano de Sobrevivência de Espécies da Associação de Zoológicos e Aquários (Association of Zoos and Aquariums Species Survival

Plan®). O objetivo do plano é gerenciar, de forma cooperada, a sobrevivência de populações de espécies ameaçadas dentro das empresas associadas à AZA. A reprodução de tigres malaios em instituições é muito rara – o único caso de sucesso registrado pela SSP ocorreu em 2012. Esse é o primeiro nascimento da espécie no Busch Gardens Tampa e são os primeiros filhotes da mãe Bzui e do pai Mata. Encontrados apenas no extremo Sul da Tailândia e na Península Malaia, estima-se que existam apenas 500 tigres malaios na natureza. A exploração madeireira, desenvolvimento de estradas e caça comercial são as principais causas da fragmentação do seu habitat e extinção da espécie.

Companhia consolida-se como referência em reabilitação de animais feridos e reprodução de espécies em extinção

DISCOVERY COVE – EXPERT EM GOLFINHO: Já no Discovery Cove, outro parque do grupo SeaWorld Parks & Enternainment localizado na Flórida, foi palco de mais um nascimento emocionante. No fevereiro deste ano, um filhote de golfinho da espécie nariz de garrafa do sexo masculino nasceu no parque. A mamãe golfinho Kendal ainda está amamentando e os dois criaram um lindo laço afetivo. Este é o quarto filhote de Kendal e o 26º golfinho nascido no Discovery Cove desde sua abertura em 2000. O SeaWorld Parks & Entertainment orgulha-se em ter um dos programas de reprodução de golfinhos mais bem sucedido do mundo. RESGATES E REABILITAÇÃO: O SeaWorld Parks & Entertainment é uma das principais organizações de zoológico do mundo e líder em tratamento de animais e cuidados veterinários. A companhia mantém um dos maiores conjuntos de animais de todo o mundo e tem liderado diversos avanços no cuidado de espécies em zoológicos e na conservação de populações selvagens. O SeaWorld Parks & Entertainment também opera um dos programas de resgate e reabilitação de mais respeitados do planeta, que recupera animais doentes, feridos e órfãos e os devolve à vida selvagem. Nas últimas quatro décadas, o SeaWorld já resgatou cerca de 22 mil animais. Um exemplo de trabalho da nossa equipe de veterinários aconteceu recentemente com um filhote de peixe-boi. Ele foi resgatado em abril em Merritt Island e levado ao SeaWorld Orlando, na Flórida. O bebê, de apenas duas semanas, foi encontrado nadando sozinho, sem a companhia da mãe, que não foi encontrada. Por isso, foi levado ao parque onde será alimentado regularmente por meio de tubos e continuará em observação durante os próximos dias. Outro caso de muito sucesso foi a volta de tartarugas para o oceano, também no mês passado. O SeaWorld Orlando devolveu à natureza 14 tartarugas marinhas, sendo 11 da espécie de Kemp e três da espécie Cabeçuda – no litoral de Canaveral, em Titusville (Flórida), após passarem vários meses em reabilitação. As tartarugas marinhas foram levadas ao parque em dezembro de 2012 pela Guarda Costeira americana após serem resgatadas com sintomas de estresse devido ao frio. Depois de terem alta da equipe veterinária do SeaWorld, o time do Animal Rescue transportou as 14 tartarugas para o litoral de Canaveral. As tartarugas de Kemp medem de 23cm a 33cm e pesam de 2kg a 6kg; enquanto as tartarugas Cabeçudas medem 61cm e pesam de 29kg a 39kg.

AS BALEIAS As famosas baleias orcas, que são as grande estrelas dos parques SeaWorld, também ganharam um no membro. O SeaWorld San Diego, parque da grupo na Califórnia, anunciou este nao o nascimento de um bebê orca. A mãe Kasatka, de aproximadamente 37 anos, deu à luz às 06h33 no Shamu Stadium, sob os olhares atentos da equipe de veterinários do SeaWorld. Após 18 meses de gestação e mais de uma hora de trabalho de parto, o filhote de Kasatka nasceu na piscina principal do parque, pesando entre 135 e 160 kg e medindo entre 1.80 e 2.15 metros. Segundos depois do nascimento, o bebê baleia - cujo sexo ainda será identificado, nadou instintivamente até a superfície da água para respirar pela primeira vez. Este é o quarto filhote de Kasatka e a sexta orca nascida no SeaWorld San Diego. O último nascimento aconteceu em 2004 quando Kasatka deu à luz a Kalia. Seus outros filhotes são Takara, nascida em 1991, e Nakai, em 2001.


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

A batalha continua…

em Orlando

O Universal’s Cabana Bay Beach Resort já está aceitando reservas

ABERTURA 20 DE JUNHO

A Mega Atração “Transformers: The Ride – 3D” chega ao Universal Orlando Resort em 2013 Os visitantes participarão de uma aventura com os TRANSFORMERS, ao lado de seus personagens favoritos e dos arqui-inimigos de conhecida série de filmes O Universal Orlando Resort anunciou que sua nova mega atração será a popular TRANSFORMERS: The Ride – 3D. A inovadora atração, criada sob licenciamento da Hasbro, Inc. e baseada em sua marca ícone TRANSFORMERS – trará a batalha intergalática entre os Autobots e os Decepticons ao parque Universal Studios Florida no verão norteamericano de 2013. Considerada uma das atrações imperdíveis do Universal Studios Singapore e no Universal Studios Hollywood, TRANSFORMERS: The Ride – 3D é uma experiência alucinante e cheia de ação que você tem que ver para crer. Você se encontrará cara-a-cara com Megatron. Vai desviar das explosões e dos ataques dos Decepticons. E vai lutar para salvar a humanidade ao lado de Optimus Prime de dos Autobots. Será a maior batalha que você jamais terá vivido. O Universal trabalhou com Michael Bay, o premiado director da série de filmes “TRANSFORMERS” e consultor criativo da atração, para criar uma experiência autêntica que dá vida à ação dos filmes. A atração combina os enormes personagens de TRANSFORMERS com uma história emocionante, com animação em alta definição, moderna tecnologia 3-D e efeitos especiais surpreendentes para colocar os visitantes no centro de uma batalha épica entre o bem e o mal. “Com esta atração, aperfeiçoamos o modelo, levando-o a outro nível tecnológico e combinando animação 3-D perfeitamente,” comentou Michael Bay, diretor dos filmes “TRANSFORMERS”. “TRANSFORMERS: The Ride – 3D é o complemento ideal para as emocionantes atrações que já existem no Universal Orlando”, disse Mark Woodbury, presidente do Universal Creative. “A atração já provou ser um sucesso no em nossos parques de Hollywood e Singapura e estamos muito felizes que os visitantes do Universal Orlando, em breve, poderão se unir aos Autobots e lutar para salvar o mundo”. Os filmes, programas de televisão e produtos com a marca TRANSFORMERS já conquistaram milhões de pessoas em todo o mundo. Já foram lançados três sucessos de bilheteria “TRANSFORMERS” (2007), ““TRANSFORMERS: A VINGANÇA DOS DERROTADOS” (2009) e “TRANSFORMERS: O LADO OCULTO DA LUA” (2011) – arrecadando mais de US$2 bilhões muldialmente. Os três filmes foram dirigidos por Michael Bay e contam com Steven Spielberg como produtor executivo e distribuição feita pela Paramount Pictures. A abertura de TRANSFORMERS: The Ride – 3D no Universal Orlando está prevista para 2013, no verão norte-americano. A atração será construída em um dos prazos mais curtos da história do Universal – tornando-se num dos projetos mais ambiciosos da empresa. Para mais informações sobre TRANSFORMERS: The Ride – 3D, visite www.prepareforbattle.com.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Recémanunciado:

Já é possível fazer reservas para o Universal’s Cabana Bay Beach Resort, o novo hotel com 1800 acomodações no Universal Orlando Resort, que contará com quartos e suítes família por preços acessíveis e moderados. A abertura do hotel está agendada para o início de 2014, e já estão sendo aceitas reservas para temporadas a partir do dia 31 de março de 2014. Depois de concluído, o hotel contará com dois complexos de piscina, praias e espaços interativos, um rio artificial

temático e um boliche com 10 pistas. As diárias das suítes família sairão a partir de US$ 174 e as dos quartos padrão a partir de US$ 119. Há tarifas especiais para pacotes, com descontos de acordo com o tempo de permanência. Assim como em todos os hotéis do Resort, os hóspedes do Universal’s Cabana Bay Beach Resort ficarão a um passo dos parques temáticos do Universal Orlando e do Universal CityWalk. Eles aproveitarão benefícios que incluem entrada antecipada aos parques temáticos, transporte gratuito para os parques temáticos e para o Universal CityWalk, entrega gratuita no hotel de produtos comprados em todo o resort e tarifas diferenciadas no resort para compras realizadas com a chave do quarto. Cada Universal’s Cabana Bay Beach Resort’s Courtyards terá um design e uma atmosfera particulares. Eles dividirão uma recepção temática, um prédio de dois andares, que terá também um restaurante servindo pratos tradicionais americanos, além de uma seleção sempre variada de culinária internacional, uma ala de boliche “retrô” com 10 pistas, uma sala de jogos e uma sala de ginástica. Reservas: Visite o site universalorlando.com ou ligue para 888-273-1311 (nos EUA).

29


VISITFLORIDA.com/portugues

Publieditorial

Junho de 2013 - 1ª quinzena

SHORE THING ESTÁ DE VOLTA!

30

M

uitas coisas aconteceram em 2009. Você provavelmente se lembra de onde estava quando Michael Jackson morreu, Tiger Woods teve sua vida secreta exposta e, é claro, Taylor Swift ganhou Kanye’d no MTV Video Music Awards. Independentemente do que aconteceu durante esse período, Miami iniciava a festa na piscina. Celebridades, como o cantor Flo Rida, eram muitas vezes vistas participando da mais sexy, quente e íntima festa na piscina de South Beach, a Shore Thing, no Shore Club. Há quatro anos, o Shore Club ressuscitou a melhor festa de domingo com velhos amigos e novas regalias!

Shore Club ressuscita a melhor festa na piscina dos domingos

“As festas na piscina de domingo em South Beach sempre significaram uma coisa - Shore Club”, disse Lucy Martin, gerente geral do Shore Club. “Nossas festas na piscina são lendárias. Ninguém na cidade sabe como fazê-las melhor!” Atraindo celebridades, moradores e hóspedes em qualquer dia, você pode imaginar a importância dos frequentadores da festa quando a Shore Thing está em pleno andamento. O atleta olímpico Ryan Lochte foi flagrado aproveitando o azul infinito da piscina que se tornou um ícone em Miami Beach. Os mestres originais estão de volta para a Shore Thing - DJ Irie, DJ Mateo Difontaine e DJ Gunars. Eles vão tocar até o sol se pôr durante todos os domingos. Considerada uma das mais belas piscinas em South Beach, os convidados serão transportados a um conjunto de oásis lindo e jardins tropicais exuberantes, inspirados pela paleta de cores ricas e intensas Matisse do Jardin Majorelle de Yves Saint Laurent em Marrakech. A Shore Thing do Shore Club refina a diversão em South Beach, Miami. Os domingos no Shore Club são os mais importantes e badalados de South Beach e tem um cenário perfeito para se socializar. A maior, a melhor e a mais cheia de convidados exóticos de Miami que vem de todo o mundo, a Shore Thing apresenta uma variedade de espaços animados para se misturar e conviver em grande estilo. Cadeiras de sol, cabanas, brindes de champanhe e funcionários lindos povoam esse paraíso tropical. Há muitas celebridades... Sofia Vergara, Fergie e Usher foram vistos no Shore Club, mas a realidade é que você nunca sabe em quem você vai esbarrar até relaxar em camas personalizadas, variando o tamanho de 3,65 x 3,65 metros a 9,14 x 1,21metros . Essas áreas para descanso tem muitos travesseiros pintados à mão e mantas grandes pintadas, todos feitos pelos artistas Izar Patkin e Kim MacConnel. Os jardins que cercam o azul infinito das piscinas tem centenas de espécies de plantas e árvores tropicais e Mediterrâneas como as palmeiras, a gigante ave-do-paraíso e uma grande variedade de cactos e gardênias. A praia é facilmente acessada pelas piscinas e não há lugar melhor com esse visual. As duas piscinas são separadas por Rumbar, um local de encontro íntimo com 75 tipos diferentes dos melhores runs do mundo. Comece o seu domingo com a moderna experiência Shore Thing e desfrute de tudo, desde omeletes, panquecas de ricota e limão e torradas francesas até saladas, massas, frutos do mar e sobremesas na Terrazza’s libation – ilimitado para Mulheres Que Almoçarem. Depois de ir para a piscina, mantenha-se hidratado com os especiais Grey Goose e Moët and Moët Ice. Para reservas de almoço, ligue para 305.695.3226.

QUANDO

Aos domingos Festa na Piscina: das 13h até o pôr do sol Almoço: das 11h às 16h

ONDE

Shore Club - 1901 Collins Ave, Miami Beach


EXTERIOR

Em road show, Miami treina mais de 500 agentes brasileiros

Anderson Masetto e Pamela Mascarenhas O Greater Miami Conventions & Visitors Bureau (GMVCB) investe na capacitação dos agentes e operadores para além das atrações mais badaladas do destino americano, como South Beach e Downtown. O órgão oficial de Turismo de Miami realizou, em meados de maio, o workshop It’s so Miami em três capitais brasileiras: Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo. Ao todo foram capacitados mais de 500 profissionais. Em 2012, o Brasil foi o primeiro mercado em emissão de turistas para Miami em 2012, pelo segundo ano consecutivo, e também o maior em geração de receita, com US$ 3 bilhões registrados. De acordo com Larissa Valero, diretora de Vendas América Latina e Caribe do GMVCB, a média de permanências dos viajantes em Miami é de três dias. O objetivo então é prolongar a permanência deles, para que tenha uma média de uma semana. “Temos muitas coisas para fazer em Miami em uma semana”, afirmou. “Recebemos quase 690 mil brasileiros no ano passado, mas contando apenas com os que passam pelo menos uma noite no destino, que é nossa base de mensuração. Mas este número deve ser muito maior”, afirma. “Capacitar os agentes e operadores é muito importante. Conseguimos passar informações sobre o que é possível fazer em Miami além das compras”, afirmou a vice-presidente de Marketing e Turismo do órgão, Gisela Marti. Participaram do workshop 15 parceiros do convention, entre hotéis, restaurantes e demais atrativos. Após a rodada de negócios, foram realizados seminários e o Quiz Show, que premiou os agentes com viagens ao destino. William D. Talbert III, presidente e CEO do GMCVB, reforça que muitas turistas costumam prolongar a estadia para aproveitar as lojas, atrações culturais, esportivas e atividades para a família. “Miami e suas praias continuam sendo uma das regiões mais procuradas para compras no mundo. O local é líder na preferência como destino de férias durante o ano todo, principalmente por oferecer um serviço completo que atende todas as demandas dos turistas”. O Programa Temptations, divulgado durante o roadshow, é a iniciativa global de Marketing do órgão e divide o ano em meses temáticos, com ofertas de condições especiais nos estabelecimentos parceiros (www. MiamiAndBeaches.com). O evento foi realizado em Minas Gerais e São Paulo. e-learning - Entre as ações empreendidas pelo Greater Miami Convention & Visitors Bureau para aumentar o número de brasileiros no destino está o treinamento de agentes e operadores de viagens. Após o road show, o órgão prepara uma plataforma de capacitação online para os profissionais brasileiros. “O treinamento e-learning será lançado em português nos próximos dois meses”, garantiu.

Larissa Valero, diretora de Vendas para AL e Caribe, e Gisela Marti, vice-presidente de Marketing e Turismo, do Greater Miami CVB

Gisela.A capacitação será composta por oito módulos e ao final de cada um o agente responderá um questionário para passar ao próximos nível. “Ele pode fazer ao seu tempo, mas o treinamento todo demora em torno de três horas e no final receberá um certificado”, contou.

Claudio DaSilva A Hotelbeds promoveu o seu Fórum anual realizado no hotel Meliá Paradisus Cancun no México. O encerramento do evento aconteceu no Moon Palace Golf and Spa Resort, onde a diretoria da Hotelbeds foi condecorada pelo Patronato das Unidades de Serviços Culturais e Turísticos do Estado de Yucatán. Na ocasião Enrique Magadan Villamil, Diretor de Cultura e José Manuel Bentata Muñoz, Diretor de Operações, entregaram um prêmio a Hotelbeds, por compartilhar pela qualidade de serviços oferecidos aos turistas e participantes em Yucatán no México. Mais de mil convidados prestigiaram o encerramento do evento, que teve como ponto alto um concerto de gala com a participação do músico porto-riquenho Don Omar vencedor de 10 prêmios da Billboard. A conferência esse ano contou com cerca de 600 executivos cerca de 90 patrocinadores incluindo os anfitriões da Posadas y Meliá Hotels International. O vice presidente de

vendas Américas do Hotelbeds, Christian Kremers, abriu o Hotelbeds Market Hub Américas. O evento reuniu 300 agentes e operadores que representam mais de 50.000 hotéis de todo o mundo. No seu discurso, o executivo agradeceu a todos os clientes e provedores que estão participando este ano, do quinto ano do Workshop. O evento aconteceu no Iberostar, em Cancún, logo após a um coquetel no Hard Rock. Na ocasião, o CEO do México Tourist Board, Rodolfo López Negrete, anunciou o crescimento de 6% no primeiro trimestre do ano. “O turismo é uma prioridade para o México, um dos três setores que mais contribui para o PIB nacional. Nosso presidente entende a necessidade de eliminar barreiras e apostamos no fluxo maior de visitantes, mas também de negócios entre Brasil e México com essa notícia”, comemorou. Responsável por 12,5 milhões de empregos diretos, o Turismo tem recebido forte atenção do governo mexicano. Com mais de 22 milhões de turistas estrangeiros em 2011, o destino trabalha com a expectativa de chegar a 50 milhões em 2018.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Agentes durante a capacitação

Na Hotelbeds Market, México prevê 50 milhões de turistas em 2018

31


ESPECIAL

Trend, Pernambuco e M&E fecham parceria para WS da operadora Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luciano Palumbo

32

Parceria em prol do Turismo. Foi com esta premissa que a Trend Operadora, a Empetur e o M&E anunciaram uma parceria para a 15ª edição do Workshop Trend 2013, que acontecerá no dia 3 de setembro, no Expo Center Norte, em São Paulo. Tudo foi resolvido no estande do MERCADO & EVENTOS, durante a Aviestur 2013. Na edição do Workshop 2013, Pernambuco será o Estado anfitrião e vai tematizar todo o espaço apresentando a gastronomia, cultura e artes do destino. “A ideia é que os agentes que visitarem o workshop tenham

a sensação de estar em Pernambuco”, disse a diretora da Empetur, Luciana Fernandes. Para o presidente da Trend, Luis Paulo Luppa, a parceria com Pernambuco e M&E reflete o momento de crescimento da operadora. Segundo ele, além da tematização, o workshop terá um fórum especializado em hotelaria e o Trend Training Center que vai capacitar e treinar agentes de todos os Estados participantes. “Esperamos oito mil agentes este ano”, disse.Roy Taylor, vice-presidente do M&E, acredita que a parceria trará benefícios mútuos aos participantes. “O elo entre M&E, Trend e Pernambu-

co é muito forte comercialmente. Neste contexto, unificar ações é indispensável para o crescimento de todos em volume de negócios”, disse. O M&E é mídia partner do Workshop Trend 2013. Destinos – Entre os temas que serão apresentados por Pernambuco, o destaque para os destinos de Porto de Galinhas, Fernando de Noronha e Recife Antigo. “Vamos junto com a Trend - principalmente com o público corporativo – desenvolver campanhas de incentivo para que conheçam o Estado e todos os seus atrativos com promoções para quem ficar mais dias ou aproveitar os finais de semana”, comentou.

André Correia e Alberto Feitosa, de Pernambuco, com Luis Paulo Luppa, da Trend, e Roy Taylor, do M&E. No destaque, Luciana Fernandes, da Empetur

Ações de Pernambuco movimentam feiras e eventos Pernambuco, por meio da Secretaria de Turismo e da Empetur, se destacou nos cenários nacional e internacional na promoção do destino. Sob o comando de Alberto Feitosa e André Correia, secretário de Turismo e presidente da entidade, respectivamente, a da diretora de Marketing, Luciana Fernandes, o estado tem se destacado com a realização de parcerias com operadoras e entidades do setor, além das sempre marcantes participações em feiras como a Fitur (Espanha), BTL (Lisboa), ITB (Berlim), Goal to Brasil (Berlim), Workshop CVC, WTM Latin America/Braztoa, Aviestur, entre outros. Veja as estruturas montadas pelo Estado para promoção.

Aviestur 2013 - Holambra - SP

MGM e Pernambuco / Abav 2012

Goal To Brasil 2013/ Berlim

BNTM 2013

Brazilian Day 2012

Abav 2012

Festival de Gramado 2012

Mundo Abreu 2012

Fitur 2013

FIT 2012

ITB 2013

Sabrina Albuquerque

Café de Pernambuco na WTM-LA


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

33


EVENTOS

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Gastão Vieira, Marta Suplicy e Flávio Dino

34

O ministro do Turismo, Gastão Vieira assina o decreto

Jackson Pitombo, Oreni Braga, Valdir Walendowsky e Jura Filho

Marco Lomanto, diretor da Embratur

Antonio Azevedo, presidente da Abav Nacional

Aparecido Sparapani, Alexandre Passos, Ronald Ázaro, Luiz Fernando Moraes e Elber Batalha

Domingos Leonelli, da Setur BA, e Júlio Oliveira, do Fórum Estadual de Turismo da BA

Alberto Feitosa, da Setur-PE e, Fabio Motta, do MTur

Mtur promove Encontro Nacional e relança Programa de Regionalização Luiz Marcos Fernandes O Mtur promoveu em Brasília o Encontro Nacional do Turismo que teve como destaque a assinatura de relançamento do Programa de Regionalização, em Brasília, com a participação do ministro do Turis-

mo, Gastão Vieira. Na ocasião, o ministro fez um apelo para que as autoridades governamentais tomem consciência da importância do Turismo como atividade econômica. “Precisamos colocar o Turismo na pauta econômica do país e convencer nossos governantes nas mais diversas

esferas, federal, estadual e municipal, da importância e da força desta indústria”, destacou ele. Na ocasião o ministro assinou oficialmente a nova etapa do programa de Regionalização. O ministro confirmou que da parte do MTur existem recursos na ordem de R$ 130 milhões a serem

aplicados nesta nova etada do Programa. A cerimônia contou com toda a diretoria do Mtur, da Embratur, liderada pelo presidente Flávio Dino, presidentes de entidades de classe como Abav, representada por seu presidente Antonio Azevedo, Fornatur, Ronald Ázaro, Associação dos Secretários das Capitais, Claudia Pessoa, Resorts Brasil, com seu presidente Dilson Jatahy, Abremar, representado por seu diretor Flávio Peruzzi, além de secretários estaduais de turismo como Domingos Leonelli, da setur Bahia, Alberto Feitosa, de Pernambuco, Jura Filho, do Maranhão, Jackson Pitombo, do Paraná, Elber Batalha, de Sergipe,Aparecido Sparapani, de Goiás, Cláudio Valverde, de São Paulo, além de Valdir Walendowsky, da Santur, Oreni Braga da Amazonastur. A ministra da Cultura, Marta Suplicy, que já ocupou o cargo no MTur lembrou em sua explanação a diversidade cultural do Brasil como sua maior riqueza e disse que o sucesso do Programa de Regionalização depende em muito do fortalecimento da aviação regional. Já o secretário Nacional de Políticas de Turismo, Vinícius Lummertz destacou a nova etapa do Programa. “Importante termos um diagnóstico de cada região turística para execução das políticas públicas. Reconheço que temos que investir mais”, adiantou. Ele confirmou que o MTur estará anunciando em breve uma parceria com o Sebrae e que o Cadastur passará por mudanças para se tornar mais atraente para o mercado. Ao final da cerimonia foi servido um coquetel aos convidados. Na abertura dos debates do Encontro Nacional do Turismo, nesta manhã, no Centro de Convenções Ulysses

Guimarães, em Brasília, o secretário Nacional do Turismo, Vinícius Lummertz, alertou sobre a necessidade de planejamento estratégico dos municípios para atingir as metas do Programa de Regionalização, que está sendo relançado pelo MTur. “Muitos prefeitos e secretários não têm noção do potencial turístico de suas regiões”, admitiu. O dirigente citou Gramado como modelo bem sucedido. Lummertz afirmou ainda que os prefeitos e secretários precisam cuidar melhor do seu patrimônio e do potencial turístico. “Muitas vezes falta uma estratégia onde estão inseridos os negócios e lembro que o setor de Turismo envolve cadeias complexas. Falta-nos consciência sobre o que pode gerar recursos ao município”. Ele disse também que o MTur está trabalha para que Foz do Iguaçu se transforme numa plataforma turística internacional, melhor estruturada. Dentro do novo programa de Regionalização do Turismo, o MTur já nomeou 27 representantes estaduais e anunciou a criação de um comitê executivo para desenvolver estratégias nas 276 regiões turísticas definidas pelo ministério. A novidade foi anunciada hoje (16/05) durante o Encontro Nacional do Turismo. “A ideia é ampliar essa rede estendendo a ação aos municípios e formando uma rede de cerca de três mil profissionais envolvidos neste processo”, adiantou Italo Mendes, gerente do MTur. O dirigente confirmou também que estão previstas estratégias de ensino a distância de modo a criar capacitadores. “Vamos criar também uma Escola Nacional de Gestores em Turismo e para isso estamos em contato com várias universidades como a UNB”, adiantou.

Confira as novas diretrizes do Programa de Regionalização A nova etapa do Programa de Regionalização do Turismo, apresentada hoje, durante o Encontro Nacional do Turismo, em Brasília, está inserida no Plano Nacional do Turismo, que prevê até 2016 receber um volume de 7,9 milhões de turistas estrangeiros, gerando uma renda de US$10,3 bilhões e 3,6 milhões de empregos diretos e indiretos, além de 250 milhões de viagens domésticas e internacionais no país. Entre os temas de relevâncias apontados no programa estão: abordagem territorial, integração e participação social, inclusão, descentralização, competitivade, inovação e sustentabilidade. O novo modelo está fundamentado em oito eixos básicos: Gestão descentralizada, Planejamento e posicionamento do mercado, Qualificação Profissional, Empreendedorismo, captação e promoção de investimentos, Infraestrutura, Informa-

ção ao Turista, Promoção e Apoio e Comercialização e Planejamento Turístico. O modelo será de gestão compartilhada, nas esferas federal, estadual e municipal. Os eixos de atuação são a gestão descentralizada do turismo, planejamento e posicionamento de mercado, qualificação profissional e produção associada, além de programas de empreendedorismo e investimentos em infraestrutura turística. Prevê ainda ações de promoção e apoio a comercialização, bem como um contínuo monitoramento por parte do MTur. A cartilha do Programa inclui também o nome dos responsáveis para consulta pública nos estados e municípios,bem como um calendário de encontros, reuniões e oficinas. A primeira delas no dia 28 de junho em Brasília que será um Encontro de Interlocutores Estaduais do Programa de Regionalização.


EVENTOS

Stock Car 2013 faz ocupação hoteleira de Salvador aumentar em 30%

Trade turístico da Bahia

Autoridades durante a premiação Junho de 2013 - 1ª quinzena

Público lotou as arquibancadas do Circuito de Rua de Salvador

Rafael Massadar A ocupação hoteleira de Salvador recebeu um movimento 30% maior, devido ao GP Stock Car que aconteceu em meados de maio. O governador Jaques Wagner comemorou o resultado do grande prêmio o Turismo Baiano. “Houve um acréscimo de 30% na ocupação dos hotéis de Salvador. O GP representa também uma exibição da capital para o Brasil inteiro, uma hora na maior emissora nacional, e a nossa tarefa é trazer novos eventos fora da alta temporada, de forma que o turismo, que é um grande gerador de emprego e renda, possa estar sempre aquecido”. Renovação do contrato - A capital baiana vai continuar sediando uma das etapas do evento, pelos próximos seis anos. Em meados de março, em encontro com o governador Jaques Wagner e com representantes do trade turístico do Estado, o diretor-geral da Vicar, Maurício Slaviero, assinou o termo de compromisso para realização de mais cinco provas do GP Bahia. Pelo novo contrato, serão realizadas corridas de 2013 a 2018, no circuito de rua Ayrton Senna, no CAB. O secretário de Turismo da Bahia, Domingos Leonelli, comemorou e disse que a Stock Car é um excelente custo-benefício para Salvador. “É gerada uma mídia espontânea importante, temos imagens da Bahia projetadas nacional e internacionalmente e ganhamos também com mais turistas nos hotéis, bares e restaurantes, além da geração de 3 mil postos de trabalho temporários”, disse. “Todos os pilotos, equipes e patrocinadores esperam o ano inteiro para participar do GP Bahia. Pelos números a que temos acesso, a prova movimenta R$ 20 milhões; os hotéis ficam lotados, sem contar com a visibilidade”, afirmou o diretor-geral da Vicar, Maurício Slaviero. Também presentes ao encontro, os presidentes Sílvio Pessoa, do Conselho Baiano de Turismo, e Pedro Galvão, da Abav, disseram que a prova é muito significativa para o setor. Segundo eles, o GP Bahia de Stock Car é muito importante para o fortalecimento da imagem do destino e também pelo incremento de até 20% na ocupação hoteleira. De acordo com a Vicar, somente o circo da Stock Car é responsável pela atração de mais de 5 mil visitantes a Salvador Turismo esportivo - De acordo com Domingos Leonelli, a Bahia está se tornando um polo de grandes eventos esportivos. “Além das Copas das Confederações 2013 e do Mundo 2014, há ainda na Bahia vários campeonatos de surf, uma das maiores provas de ciclismo do Brasil, na Chapada Diamantina, uma competição internacional de canoagem, no Rio São Francisco, entre outros. Estamos desenvolvendo um turismo esportivo como nunca foi feito antes”.

Os pilotos no pódio

Corrida com muita emoção

35


EVENTOS

Interesse do mercado brasileiro atrai novos expositores para o Visit USA

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luiz Marcos Fernandes e Pamela Mascarenhas

36

O Departamento de Comércio e Embaixada dos Estados Unidos da América realizaram o Visit USA no Rio de Janeiro, com a inscrição recorde de quase mil agentes de viagem, contra os 500 dos anos anteriores, como lembrou Jussara Haddad, idealizadora e coordenadora do evento. Novos expositores participaram do workshop e dos seminários educacionais, alguns pela primeira vez no Brasil, de olho na maior projeção do país no mercado turístico global. De acordo com Jussara, mesmo que os números de 2012 ainda não estejam consolidados, é certo que o crescimento da visita de brasileiros aos Estados Unidos no último ano deve ficar entre 18% e 20%, seguindo a tendência de consolidação do mercado, independente da facilitação do processo de visto para brasileiros.”Temos tido um crescimento de dois dígitos todos os anos desde 2006, em um processo de acomodação do mercado. Esse aumento é um número ótimo pois a maioria dos países emissores de turistas registrou redução. O Brasil está numa posição bem privilegiada”. O

Jussara Haddad com patrocinadores e membros da delegação dos Estados Unidos

Brasil é o quarto maior emissor de turistas para os Estados Unidos - sem considerar os países de fronteira – e pode chegar à terceira posição no ranking de 2012, já que tem uma diferença pequena em relação à terceira colocada, França. Os dois primeiros são Inglaterra e Japão. Novos fornecedores – Entre os 46 expositores do Visit USA, nove deles participaram pela primeira vez – AIT Operadora, AlliedPRA, Choose Chicago, Kennedy Space Center, Millennium Hotels and Resorts, Receptive Services Association of

America (RSAA), Staysky Hotels & Resorts, Time Brazil Turismo e Travel Oregon. Outros como SeaWorld, Disney e Visit Orlando mantiveram suas participações reforçando a importância do evento. Jussara destacou a vinda da RSAA pela primeira vez ao Brasil. Segundo ela, o grupo tem como associados os principais destinos e fornecedores de Turismo americanos. Outra presença especial foi a de Todd Davidson, CEO do Travel Oregon e membro do Conselho de Turismo do governo americano. “Os Estados Unidos estão realmente

de olho no crescimento do mercado brasileiro, que se tornou um fenômeno”. Abertura - A abertura oficial do Visit USA no Rio de Janeiro aconteceu durante almoço, para cerca de 80 convidados, no restaurante Mr Lam. Na ocasião Jussara Haddad confirmou o crescimento de 25% sobre a edição do ano passado nas duas cidades e em São Paulo para o evento. Segundo ela os números de brasileiros que visitaram os Estados Unidos em 2012 devem fechar na casa dos 1,8 milhão, o que corresponde a um incremento de 19% em relação a 2011. “Ainda não temos os dados finais mas os resultados preliminares mostram essa evolução. Prestigiaram o almoço os apoiadores e patrocinadores do Visit USA deste ano. Pela United Airlines estava presente a gerente de Vendas América Latina, Isabel Bartolomeu, Ricardo Souza, diretor do American Express, além de representantes do Visit Orlando como Claudia Lobo, responsável pelo mercado brasileiro, a diretora da Travel Export, Mônica Destri, o diretor da RSA - Receptive Services Association of America, Matrt Grayson. Além deles prestigiaram o evento o representante do Consulado dos EUA, Alan Long, Roberto Campeas, do Magic Stars, o representante de Oregon, Todd Davidson, cuja delegação participa pela primeira vez do Visit USA e Karin Herrmann, da Dolar Rent a Car. Já entre os representantes do trade estavam Paulo Senise, diretor executivo do RC&VB, George Irmes, presidente da Abav RJ, David Leslie, presidente da CBS Marketing Services, Fabio Lima, presidente da Doplamat Services, Jaqueline Rodrigues, gerente da MGM, Carlos Alberto Amorim, diretor da Ancoradouro Rio, José Carlos Sá, presidente da Riotur, Aldo Siviero, presidente do Sindetur-RJ, Marcos Zani, presidente da Tower Viagens e Rosa Masgrau, diretora internacional da Marketing, do M&E.

Luiz de Moura e Todd Davidson

Allan Moura e Claudia Lobo, do Visit Orlando, com Rosa Masgrau, do M&E

Confira algumas novidades apresentadas no Visit USA Rio DMC - A DMC AlliedPRA anunciou durante o Visit USA seu novo escritório em Washington, que chega para complementar o portfólio de outros 18 destinos nos Estados Unidos, além de cinco na Europa e três nos Emirados Árabes. De acordo com Gonzalo Trama, representante de Vendas Global, a presença da empresa pela primeira vez no Visit USA 2013 atesta a projeção do mercado brasileiro. “Estamos há menos de um ano com ações no Brasil e o crescimento de lá para cá já foi enorme”, comentou. A AlliedPRA opera viagens corporativas em destinos como Arizona, Atlanta, Austin, Chicago e Dallas. Informações: www.alliedpra.com. Oregon - A Travel Oregon esteve pela primeira vez no Brasil, para participar do Visit USA no Rio e em São Paulo. De acordo com Todd Davidson, CEO da entidade, o mercado americano tem reforçado sua atenção ao Brasil, de olho no aquecimento na emissão de turistas. Ele informou ao M&E que a Travel Oregon deve voltar em 2014 para participar da WTM-LA ou da Feira da Abav. “Queremos apresentar um novo roteiro aos operadores brasileiros, realizado em parceria com o Visit Califórnia, Brand USA, Seattle, Sonoma e a empresa de receptivo New World Travel. Trata-se do Western Wine Trail, roteiro de 11 noites de São Francisco a Seattle. Estamos voltando nossos esforços para realizar contatos com o trade do Brasil”, comentou.


EVENTOS Consulado dos EUA apresenta facilidades para emissão de visto Pedro Menezes

Visit USA negocia ações na Abav e pode ter edição em BH e POA O Visit USA negocia ações em parceria com a Abav Nacional. A informação é da coordenadora da Feira, Jussara Haddad. Ainda de acordo com ela, outras cidades devem receber o evento nos próximos meses. “Estamos em processo de negociação com a Abav para realizar seminários ou trade shows neste ano”, disse Jussara Haddad, que ressaltou que ainda não há nada confirmado. A coordenadora do Visit USA informou ainda que Porto Alegre (RS) e Belo Horizonte (MG) podem ser as sedes de futuras ações ainda neste ano. “Reunimos cerca de 1,3 mil pessoas no Rio e em São Paulo. Nossa intenção no Brasil é incentivar o contato entre americanos e brasileiros para firmar parcerias, tanto para atrair público aos EUA como apresentar o potencial do país”, ressaltou Jussara na coletiva de encerramento nesta sexta-feira, dia 17, no restaurante Cantaloup, zona sul da cidade de São Paulo. Visto – O cônsul geral dos Estados Unidos, Donald Jacobson, anunciou que existem negociações entre o governo brasileiro junto aos americanos para encerrar a necessidade do visto. “É uma negociação complicada”, afirmou, acrescentando que todos os países que não precisam mais de visto passaram por processos demorados para conseguir”, destacou.Em 2012, o Brasil emitiu mais de 1 milhão de vistos para os EUA, com efetividade de 95% dos pedidos. “Podemos alcançar 1,8 milhão de vistos liberados este ano”, afirmou.

Brasil deve se tornar 3º maior mercado para EUA em 2013 Anderson Masetto Os Estados Unidos alcançou a marca de 1,8 milhão de turistas em 2012, número 20% maior do que no ano anterior. Mais do que o crescimento, isso significa que o Brasil está prestes a se tornar o terceiro maior mercado em número de visitantes para o destino. De acordo com o chairman do US Travel & Tourism Advisory Board – uma espécie de conselho do setor de Turismo para o presidente Barack Obama -, Todd Davidson. Os números de 2012 apontam que a Alemanha – hoje o terceiro maior emissor de turistas para os Estados Unidos – teve um número de apenas 50 mil visitantes a mais do o Brasil. Dos países estrangeiros, o maior emissor é o Japão seguido do Reino Unido. Se no número de visitantes ainda somos o quarto maior mercado, no que se refere a gastos já ultrapassamos os alemães. Em 2012 foram US$ 9,8 bilhões, computados apenas gastos oficiais – feitos com cartões de crédito e pré-pagos. “Há ainda aqueles que fazem compras com dinheiro, que é um costume dos brasileiros”, disse Luiz de Moura, do Brand USA.“Essa cifra gasta pelos brasileiros representa a geração de 45 mil empregos nos Estados Unidos”, revelou Davidson, que é também CEO do Travel Oregon. Outro dado apresentado por ele, é que pela primeira vez o principal destino dos brasileiros no país foi Nova York, com 710 mil visitantes.

Matt Grayson, da Receptive Services Association of America

Sabrina Freitas, do Texas Tourism

Marcia Souza e Patrick Yvars, da Disney Destinations

Tathiana Leal, do Greater Miami CVB

Felipe Timerman e Renato Gonçalves, do SeaWorld Parks & Entertainment

Marcos Barros, do Universal Orlando Resort, e Karla Haimenis, da AIT Operadora

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Com o crescimento significativo do número de brasileiros viajando para os Estados Unidos, representantes do consulado americano apresentaram, em seminário do Visit USA, no último dia 14 de maio, no Rio de Janeiro, novidades para facilitar a emissão do visto e a renovação deste tipo de licensa para quem já possui.Para Alex Leveure e Giscard Guilloteau, a facilidade e agilidade nesse novo sistema é a principal ferramenta de expansão turística. Segundo os representantes, o novo tipo de cobrança com pagamento de uma taxa única para burocracia de viagens, entre despacho de malas e taxas aéreas, é um atalho importante para a satisfação do turista. “A evolução do mercado turístico brasileiro obrigou-nos a melhorar o sistema de triagem. Agora cobramos apenas uma taxa para o brasileiro poder conhecer os Estados Unidos. Estamos inovando, também, na implementação do sistema de cadastro biométrico, totalmente seguro e mais rápido”, frisou Alex Leveure. Giscard Guilloteau, por sua vez, destacou a agilidade em marcar entrevista para a emissão do visto. Outro ponto citado pelos representantes, é a renovação com rapidez. Esse novo programa faz com que o turista brasileiro, para adquirir o visto atualizado, pule diversas etapas burocráticas que tiveram de passar pela primeira vez, como a isenção de entrevista. Até 2015, as cidades de Belo Horizonte e Porto Alegre estarão recebendo espaços inéditos para tiragem e renovação de vistos.

Américo Samu e José Pereira, da Discover Cruises

37


AGENDA

PASSAPORTE

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Encontro de Negócios entre as novidades do Festival das Cataratas

38

O 8º Festival de Turismo das Cataratas, que acontece em Foz do Iguaçu, entre os dias 12, 13 e 14 desse mês, terá mais espaço para receber os novos expositores e participantes da feira. O coordenador do festival, Paulo Angeli, confirma também que a feira de turismo terá as novas tecnologias como destaque. Mais de 600 expositores devem estar presentes num crescimento de 50% em relação a 2011. “ Estão previstos 150 estandes . Uma nova dinâmica para a Rodada de Negócios com a promoção de destinos e operadoras. Diferente dos anos anteriores, desta vez serão os operadores poderão realizar encontros com uma nova dinâmica no Encontro de Negócios coordenado pelo Sebrae, que disponibilizará um facilitador para cada mesa. Serão aproximadamente 10 mesas dos destinos do Paraná, alguns independentes, como Curitiba, por exemplo, outros agrupados, como a região dos Campos Gerais, as praias do litoral, e os municípios Lindeiros da região de Foz do Iguaçu. No caso do destino anfitrião, Foz do Iguaçu, por vender o Destino Iguaçu e não somente a cidade em si, contará com a participação dos vizinhos Argentina e Paraguai. Cada destino levará para a mesa sua representatividadesinstitucional, como as Secretarias de Turismo e Conventions Bureau, além de atrativos,

rede hoteleira e demais players do setor de turismo. “Trata-se de uma nova proposta de formato, para dar uma oxigenada aos padrões de rodada de negócios. Além disso, estamos propondo uma atividade mais dinâmica, mais enxuta”, explica Augusto Cesar Stein, consultor do Sebrae para a região oeste do Paraná. Para o Presidente do Festival, Paulo Angeli o importante é inovar e testar novas tendências. “Faremos um piloto esse ano e, se der certo, manteremos essa estratégia para os demais anos”, sinaliza. O Encontro de Negócios acontecerá na tarde do dia 13 , das 15 às 19h, em um espaço exclusivo e independente, mas dentro da própria área de exposições, justamente para promover maior integração entre todos, dar maior visibilidade aos destinos e às operadoras durante o horário dos trabalhos. Os operadores estão sendo convidados pela equipe de organizadores do Festival, pelo SEBRAE e pelo ICVB – Iguassu Convention & Visitors Bureau. Como em todos os anos, o Sebrae PR também participa do Festival de Turismo com um estande institucional. Está prevista a palestra do maratonista Marcelo Alves falando aos agentes de viagens sobre seu planejamento, sua perseverança em não desistir e ter foco na meta a ser alcançada.

BHIC divulga programação de palestras técnicas A Conferência Brasil Hospitality Investment, que acontece nos dias 13 e 14 de junho, no Hotel Tivoli Mofarrej, São Paulo, já definiu sua grade da programação de palestras.O evento que visa a promoção e o encontro de parcerias comerciais, além da apresentação de informações correntes sobre a indústria global e presença dos setores de hospitalidade tem patrocínio de grandes redes como Accor, RCI, Wyndham, NH Hotels, BHG, IHG, Hyatt e Tivoli, entre outros. O M&E é midia partner do evento. A proposta é reunir investidores domésticos e internacionais, profissionais de desenvolvimento, profissionais senior do setor de hospitalidade, investidores imobiliários, intermediários de turismo e companhias financeiras, com a finalidade de facilitar e encorajar negociações e troca de informações entre os vários segmentos. A Conferência proverá oportunidades para networking com almoços, palestras com a presença dos mais seletos participantes do mercado hoteleiro mundial. E o Brasil tornou-se local para sediar o evento, já que será o anfitrião de dois eventos mundiais da maior importância, além do país está demonstrando ser um destino lucrativo para investimentos, com retorno estável e RevPAR (receita por quarto disponível) crescente nas principais capitais do país. Na opinião do presidente da BSH International, José Ernesto Marino Neto, o evento é uma excelente oportunidade para networking e conhecimento do mercado na geração de novos investimentos. “O evento deve promover investimentos para o segmento no Brasil, expor as oportunidades do mercado atual, fornecendo informações sobre o rumo que o País está tomando quanto à indústria hoteleira e

turística”, comenta o fundador e presidente da BSH International, José Ernesto Marino Neto. PROGRAMAÇÃO OFICIAL Terça-feira 13/06 - 11:30 – Abertura do Evento e Boas Vindas / 11:45 – 13:00 – Investimento Hoteleiro: O mercado atende as expectativas do investidor? / 13:00 – 14:30 – Almoço e Apresentação | Estatísticas Brasileiras do Mercado Hoteleiro: o RevPAR continuará a subir? Painéis Simultâneos - Bloco 14:30 – 15:30 - O Impacto das Cidades Secundárias e Distritos Industriais no Setor Hoteleiro. O interesse de incorporadoras em fractionals e timeshare – Qual é o retorno? Bloco 15:30 – 16:30 - A Revolução do Marketing Digital – Práticas de Distribuição. Quais são as principais oportunidades de investimento para resorts? / 16:30 – 16:45 – Networking Break. / 16:45 – 18:00 – Sessão Geral: Complexos de Uso Misto: Por que o hotel é a cereja do bolo? / 18:00 – Cocktail no Arola Vintetres / Sexta-Feira, 14 de junho - 9:00 – 10:30 – Franquia: Independência ou Morte! / Franchising: Independence or Death! / 10:30 – 11:00 – Networking Break. SERVIÇO - Brasil Hospitality Investment Conference / Data: 13 e 14 de junho / Horário: 9h às 18h / Local: Hotel Tivoli São Paulo Mofarrej - Alameda Santos, 1437 - Cerqueira César - São Paulo - SP - Brasil / Preço: R$ 1.200,00 inscrição individual e R$ 1.000,00 para associados de entidades parceiras ou acima de três participantes da mesma empresa e podem ser parceladas / Mais informações: http://www.ihifbrasil.com/

Abav abre inscrições para Feira das Américas e Congresso A Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav) abriu as inscrições para os agentes de viagens que desejam participar da 41ª edição da Feira de Turismo das Américas, que será realizada entre os dias 4 e 8 de setembro no Pavilhão Anhembi (SP). A grande novidade para os inscritos é que este ano, todos os visitantes do evento estarão assegurados pela Travel Ace Assistance.Os interessados devem acessar o site do evento procurar pela seção Credenciamento Online, localizada no lado direito da página inicial, ler e concordar com os termos e condições de participação. A partir daí, devem informar os dados solicitados e seguir o passo a passo até a conclusão da inscrição. “Neste ano, nosso evento visa oferecer aos expositores e visitantes a comercialização de produtos

e serviços, prospecção e conclusão de novos negócios, além de capacitações, abrangendo diversos segmentos. A partir desta estratégia, a entidade já confirmou mais de 700 hosted buyers (compradores corporativos), incluindo empresas globais sediadas no Brasil e exterior, com destaque para a América Latina, América do Norte e Europa”, declarou o presidente da Abav, Antonio Azevedo. Nesta edição, o evento ocupará uma área de exposição de 58,2 mil metros quadrados e disponibilizará 11 salas de treinamento e capacitação na Vila do Saber. Com a presença confirmada de mais de 60 países, o encontro prevê a participação de 80 mil pessoas, entre profissionais do setor e público final, e mais de 600 jornalistas originários de todo o mundo.

Avirrp terá como tema Maravilhas do Mundo Moderno [16:17:33] Luiz Marcos Fernandes: O 17º Encontro Nacional das Agências de Viagem- AVIRRP, ocorre nos próximos dias 2 e 3 de agosto, em Ribeirão Preto. O evento é organizado pela Associação das Agências de Viagem de Ribeirão Preto e Regiãoe já faz parte do calendário oficial de eventos da cidade. Para esse ano o tema central será “As setes maravilhas do mundo moderno”, com exposição destinos escolhidos e anunciados em 7 de julho de 2007, com represen-

tantes dos países que compõem as Sete Maravilhas do Mundo Moderno.Além disso, a feira de negócios, que acontece no Centro de Eventos Taiwan, ocupando um espaço de mais de 6 mil m², vai movimentar toda a estrutura turística e econômica da cidade. O evento gera inúmeras oportunidades de negócios entre expositores e agentes de viagem, além de profissionais diretos e indiretos do turismo nacional e internacional. Informações pelo site www.avirrp.com.br

>> A Secretaria de Turismo de Bariloche, na Argentina, tem novo secretário. Fabián Szewczuk assume o cargo com o objetivo de potencializar a promoção do turismo local. Fabián, que também é presidente da Emprotur – empresa de promoção turística e empresário do setor, busca ampliar o trabalho com uma mutua cooperação do Estado e do setor privado. Segundo o secretário, “para a temporada de 2013, a expectativa é ter cerca de 30% a mais de turistas em relação ao ano passado, quando já superamos em 20% o número de visitantes na região em comparação a 2011”. Com o slogan: “Quero estar ai!” o destino Bariloche inicia um trabalho que tem por objetivo atrair brasileiros durante todo o ano à região. A expectativa é que nos próximos três anos, mais de 100 mil viajantes oriundos do Brasil desfrutem de outras atrações e roteiros, além da neve. >> A presidente Dilma Rousseff inaugurou em meados de maio, a Arena Pernambuco, que vai sediar jogos da Copa das Confederações e da Copa do Mundo de 2014.Ao lado do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, Dilma inaugurou o estádio com um chute na bola no meio do campo. Em seguida, os três caminharam até uma das traves e Rebelo assumiu a posição de goleiro. >> A Secretaria de Turismo de Pernambuco (Setur-PE) e a Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur) deram início em meados de maio à programação 2013 do workshop Pernambuco é só chegar, que tem o objetivo de apresentar aos agentes e operadores de Turismo das cidades visitadas os atrativos e as potencialidades turísticas do Estado.A edição 2013já capacitou 520 agentes de viagens das cidades de Londrina, Curitiba e Florianópolis. Os profissionais também participaram de rodadas de negócios com 30 representantes do trade turístico do Estado, saborearam o cardápio assinado pelos chefes Joca Pontes e André Falcão e assistiram ao show do Balé Cultural de Pernambuco. >> Em busca da captação de grandes eventos para o país, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) dá mais um passo no apoio governamental a candidatura de São Paulo, como a sede da Exposição Universal 2020 . O investimento total é de 1,5 milhão. A primeira parte, de 600 mil, será remetida ao Ministério das Relações Exteriores e o restante, 900 mil, se resume em ações promocionais a serem realizadas pelo Comitê de Candidatura da Cidade de São Paulo até novembro de 2013, e serão transferidos para a São Paulo Turismo, por meio de convênio. >> A Comissão de Turismo e Desporto da Câmara Federal aprovou documento proibindo transporte alternativo de turistas no Parque Nacional do Iguaçú. O documento, pedido pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBios), prevê início da nova regra a partir do dia 29 de dezembro. Vans e táxis serão impedidos de circular no local. >> A Embraer anunciou um acordo com a norte-americana SkyWest para venda de 40 jatos regionais modelo 175, numa encomenda avaliada em cerca de US$ 1,7 bilhão e que entrará na carteira de pedidos a entregar do segundo trimestre deste ano.Segundo a Embraer, a entrega do primeiro jato à SkyWest, com capacidade para 76 lugares, está prevista para o segundo trimestre de 2014. A empresa vai operar os aviões sob um acordo de compra de capacidade com a United Airlines. Existe a possibilidade de mais 160 encomendas totalizando US$ 8 bilhões em vendas. >> O Rio de Janeiro acaba de ganhar mais um título para comemorar: o TripAdvisor, maior site de viagens do mundo, que conta com conteúdo colaborativo enviado pelos milhares de internautas que fazem parte da sua rede, aponta a cidade como primeira colocada no ranking de melhores cidades turísticas da América Latina e entre os 25 destinos top do mundo. É a primeira vez que o Rio aparece na listagem global, ocupando a 17ª posição. >> O Centro do Rio ganhou um quiosque de informações turísticas na Rua Candelária, altura do número 9 - em frente ao prédio da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) e próximo a grandes pontos turísticos da região, como a Igreja da Candelária e o Centro Cultural Banco do Brasil. >> Conforme havia prometido, Sávio Neves, diretor do Trem do Corcovado entrou na justiça e conseguiu uma liminar para que as vendas de ingressos na estação do Cosme Velho voltassem a ser feitas no local. A medida tinha sido suspensa em função de um decreto da Prefeitura que determinava a venda apenas pela internet. Com isso voltam a ganhar os turistas e a Cidade. A liminar foi dada pelo juiz da primeira Vara de Fazenda Pública, Afonso Henrique Ferreira que não concordou com a decisão do prefeito Eduardo Paes. Com isso as vendas foram autorizadas O presidente do Trem do Corcovado, Sávio Neves, sugeriu que além da venda de ingressos no local haja novos postos de vendas espalhados pelo Rio. “Queremos que a venda seja feita inclusive nas casas lotéricas”. Durante o período em que foi proibida a venda de ingressos na estação do trenzinho o movimento de passageiros caiu 90%. >> Os turistas estrangeiros que vieram ao Brasil em abril gastaram US$ 583 milhões, contra US$ 557 milhões, no mesmo período do ano passado. Já as despesas dos brasileiros em viagens ao exterior continuam subindo. Em abril foram gastos US$ 2,1 bilhões totalizando no ano 8,1 bilhões. O balanço de pagamentos registrou superávit de US$441 milhões . As transações correntes foram deficitárias em US$ 8,3 bilhões, acumulando, nos últimos doze meses, déficit de US$ 70 bilhões, equivalente a 3,04% do PIB. Nota da Redação - Ao contrário do que foi divulgado na última edição em relação aos números da Avianca divulgados por Tarcísio Gargione o Market Share da Avianca é 7.2% e não 7,7% . A retração em 2013 “ lua amarela” foi do “mercado” e não da Avianca, ao contrário a Avianca cresceu 35% enquanto o mercado caiu 1,2%. FOLHA DO TURISMO

www.mercadoeeventos.com.br Presidente Adolfo Martins Vice-presidente Executivo Roy Taylor (roytaylor@folhadoturismo.com.br) - (55-21) 3233-6319 Diretora de Marketing Internacional Rosa Masgrau (rosamasgrau@folhadoturismo.com.br) - (55-21) 3233-6316 Diretora Geral de São Paulo Mari Masgrau (mari.masgrau@folhadoturismo.com.br) - (55-11) 3123-2247 Diretor de Projetos Especiais Juan Torres (juan.torres@folhadoturismo.com.br) - (55-11) 3123-2222 Editora-chefe Natália Strucchi (natalia.strucchi@folhadoturismo.com.br) - (55-21) 3233-6263 Editor-executivo Luciano Palumbo (luciano.palumbo@folhadoturismo.com.br) - (55-11) 3123-2240 Chefe de Reportagem Luiz Marcos Fernandes (luiz.fernandes@folhadoturismo.com.br) - (55-21) 3233-6262 Chefe de Reportagem SP Anderson Masetto (anderson.masetto@folhadoturismo.com.br) - (55-21) 3123-2239 Diretor de Internet Fernando Martins | Diretora de Planejamento Andréa Martins Diretor Jurídico José Manuel Duarte Correia | Gerência de Tecnologia GRM | Designer Daniel Costa Reportagem Rio (55-21) 3233-6353 | Reportagem São Paulo (55-11) 3123-2239/2240 Arthur Stabile (arthur.stabile@folhadoturismo.com.br) | Lisia Minelli (lisia.minelli@folhadoturismo.com.br) Pamela Mascarenhas (pamela.mascarenhas@folhadoturismo.com.br) | Rafael Massadar (rafael.massadar@folhadoturismo.com.br) Pedro Menezes (pedro.menezes@folhadoturismo.com.br) Atendimento ao leitor mercadoeeventos@mercadoeeventos.com.br - (55-21) 3233-6353 Departamento Comercial Rio de Janeiro (55-21) 3233-6319 | São Paulo (55-11) 3123-2222 Geraldo Ramos (geraldo.ramos@folhadoturismo.com.br) | Renata Araujo (renata.araujo@folhadoturismo.com.br) Rio de Janeiro Rua Riachuelo, 114 - Centro - CEP 20.230-014 - Telefone e Fax (55-21) 3233-6201 São Paulo Rua Barão de Itapetininga, 151 - Térreo - Centro - CEP 01042-001 - Tels (55-11) 3123-2222 - Fax (55-11) 3129-9095 Representante Comercial em Brasília CPM Consultoria Planejamento Mídia Ltda. (márcio@marketingcpm.com.br) (55-61) 3034-7448 / SHN Quadra 2 - 15º Andar - Salas 1514/1515 / Executive Office Tower - Brasília/DF - CEP 70702-905 Representante Comercial em Minas Gerais BH Brasil Comunicação Limitada. Weber Oliveira (weber.wbo@gmail.com) (55-31) 3371- 0769 / (55-31) 8859-1953 / Avenida Silva Lobo, 2019 / Sala 1501 - Grajaú - Belo Horizonte /MG - CEP 30460-000 Representante Comercial nos Estados Unidos Brazil Travel Media - Claudio Dasilva (www.braziltm.com - claudio@braziltm.com) +1 (954) 647-6464 / 401 E Las Olas Blvd # 130 - Fort Lauderdale - Florida - 33301 - USA Os artigos e opiniões de terceiros publicados na edição não necessariamente refletem a posição do jornal.

Mercado & Eventos é uma publicação do


Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena

39


40 Junho de 2013 - 1ÂŞ quinzena


FOLHA DO TURISMO

Junho/2013 - 1ª quinzena - Ano IX - Nº 225 - Tiragem: 16.400 exemplares

Junho de 2013 - 1ª quinzena

1

Turismo na

cidade das flores Aviestur recebe público acima do esperado em Holambra e busca ser a maior feira do interior do Estado


Aviestur supera expectativa e cresce 15% em 2013

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Luciano Palumbo e Anderson Masetto

2

A 36ª edição da Aviestur parece ter mesmo superado as expectativas. A organização do evento – antes ainda do término da feira - divulgou os resultados, que foram 15% superiores em relação ao ano passado. O evento contou com a presença de 4,2 mil pessoas, de aproximadamente 300 localidades brasileiras. Do total, 2,7 mil corresponderam aos agentes de viagens. “Estamos muito satisfeitos com o resultado desta edição. Tivemos grande aceitação e aprovação dos expositores. Empresas significativas do mercado afirmaram que importantes negociações foram realizadas durante o evento. Diante deste cenário, já recebemos a confirmação de muitos expositores para a 37ª Aviestur, em 2014”, afirma Marcelo Matera, presidente da Aviesp. Além do público, as capacitações foram destaque. A feira proporcionou uma grade com mais de 30 palestras, com foco em aprimorar, profissionalizar e otimizar sistemas de atendimento e venda de produtos e serviços, por meio dos agentes de viagens.

Autoridades durante o corte da fita

Equipe da Aviesp

Diretoria Executiva da Aviesp

Matera destaca união de entidades na abertura da Aviestur No discurso de abertura da 36ª Aviestur, o presidente da Aviesp, Marcelo Matera, enfatizou que as entidades de classe do Turismo devem se unir e ter objetivos comuns para ganhar força nas negociações com o governo, como a desoneração da folha para o setor e, na luta em prol dos agentes de viagens de todo o País. Segundo ele, a inovação para os agentes é crucial. “Hoje as empresas do segmento sofrem com a mudança constante da tecnologia, crises internacionais, falta de mão de obra capacitada e com a mudança de

comportamento do consumidor. Temos que capacitar os agentes e acompanhar as mudanças”, disse. Matera ressaltou ainda que o papel do agente de viagens nunca acabará, mas terá que passar por mudanças. “O agentes precisam transformar a informação em conhecimento. Este é o nosso papel. Existe mercado para todo mundo”, comentou o dirigente, referindo-se a busca por novos modelos de negócios no segmento. “O agente tem que ter competência e profissionalismo”, emendou.

Feira – Matera destacou as parcerias entre Abracorp, Abav e Sindetur para que a feira possa acontecer de forma profissional. “Juntos vamos crescer nas atividades e capacitar cada vez mais agentes”, enfatizou. Com relação a volta para as proximidades de Campinas, onde nasceu a entidade, Matera foi enfático: “Estamos voltando às raízes, as origens”. Na abertura foi destacada a presença de autoridades locais representadas pela diretora de Turismo de Capinas, Alexandra Caprioli e pelo representante e vereador por Holambra, Dennis Peters.

“Campinas e Holambra adotaram a Aviestur” Matera, ficou satisfeito com a opção de levar a Aviestur para a cidade de Holambra, na região metropolitana de Campinas. Segundo ele as prefeituras das duas cidades apoiaram o evento desde o começo e destacou o convênio firmado com a Secretaria de Turismo de Campinas que contemplará outras ações além da feira. “Estávamos muito otimistas com o resultado desta primeira edição em Holambra”, disse. “Antes de tomar esta decisão conversamos com expositores e agentes de viagens, que acreditaram nesta mudança”, complementou. Segundo ele foram quase 2,2 mil agentes de viagens inscritos de forma antecipada, o recorde de todas as edições, o que mostra a aceitação dos profissionais. “Visitei quase todos os estandes durante este segundo dia e 90% dos

expositores já confirmaram presença na nossa edição de 2014 aqui em Holambra”, emendou. Destaque - Matera destacou ainda a vantagem de ter um piso único, diferente de Campos do Jordão e da proximidade de cidades da região metropolitana de Campinas, o que aumenta o número de agentes que podem participar da feira. “O contrato com o Espaço Ype é de opção para os próximos dois anos. Ele nos permite fazer mais ações e até ampliar a feira.”, comentou o presidente da Aviesp, deixando clara a preferência por Campinas. “Tivemos reclamações referente ao preço do estacionamento e à alimentação. Mas vamos rever isso para 2014”, completou.. Força econômica – O vice-presidente da Aviesp, Fernando Santos, lembrou que

dados do IBGE apontam que 23% de todas as viagens emitidas no Brasil têm como origem agências de viagens do interior do Estado de São Paulo. “Isso mostra a força econômica desta região”, afirmou. Marcelo Matera e Fernando Santos, presidente e vice da Aviesp


Movimentação intensa no segundo dia da Aviestur

Novo aeroporto pode ser alternativa para Aviestur em 2015

Samuel Rossilho e Alexandra Caprioli, secretário e diretora de Turismo de Campinas

propulsor do Turismo na região, que hoje conta com uma ocupação hoteleira acima dos 95% de segunda a sexta-feira. “Em 2012 captamos mais de seis mil eventos em Campinas”, disse. A diretora de Turismo de Campinas, Alexandra Capriolli, ressaltou que a cidade – mesmo sem ter um centro de convenções – está em 9º lugar no ranking da ICCA. “Temos focado em grandes eventos, como campeonatos de Vôlei, Hipismo e até a negociação para uma etapa da Stock Car em 2014”, comentou. Para a diretoria da Aviesp que quer “resgatar as origens” a viabilização de um centro de convenções no aeroporto de Viracopos seria um marco para que a Feira em 2015 fosse realizada na cidade de Campinas.

Expositores comentam mudança de local da Aviestur As opiniões não foram unânimes. A primeira edição da Aviestur realizada na cidade de Holambra gerou diversas percepções entre os expositores da feira. No entanto, todos eles afirmam que a feira, embora tenha voltado às suas origens – que é a região de Campinas –, perdeu um pouco da sua característica. Outra reclamação foi a distância de Campinas – onde a maioria ficou hospedado. Cleiton Feijó, da Nascimento Turismo, lembrou das edições realizadas em Águas de Lindoia e Campos do Jordão. “As cidades eram pequenas e o trade tomava conta de tudo. Isso fazia com que a gente respirasse a feira 24 horas, porque em todos os hotéis e todos os lugares encontrávamos pessoas. E também eram oportunidades para se fazer negócios”, disse. A mesma opinião foi compartilhada por Adrian Ursilli, da MSC. Para ele, o fato da feira realmente não acabar no pavilhão e os negócios e contatos continuarem nos bares, restaurantes e hotéis das cidades era o grande atrativo da Aviestur. “Vimos que a estrutura do centro de convenções de Holambra é boa. Mas a hotelaria da cidade não tem ainda capacidade para

Reunião com os expositores

um evento deste tamanho”, afirmou. Feijó, da Nascimento, no entanto, elogiou a ideia das arenas de capacitação, que funcionaram durante a manhã. Para ele, o fato das caravanas chegarem direto no local dos treinamentos fez com que a procura fosse maior. “Antes a gente competia com a feira e fazíamos apresentações para poucas pessoas”, lembrou. Para Celso Guelfi, da GTA, a mudança foi corajosa e merece ser elogiada. “O fato de trocar de local entendendo que a logística em Holambra é melhor foi muito boa

porque, na minha opinião, realmente é”, comentou. “Aqui é mais fácil para agentes de locais como Presidente Prudente e Maringá, por exemplo, chegasserem de uma forma mais fácil. A estrutura neste ano é a melhor do que qualquer uma Aviestur até hoje”, complementou. Ricardo Domingues, da Resorts Brasil e Jeferson Munhoz, do Bourbon, também gostaram da localização. Para eles, estar na região metropolitana de Campinas pode trazer mais agentes de viagens para a feira.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Com o Turismo focado nos segmentos de negócios, rural, lazer e grandes eventos, a Secretaria de Turismo de Campinas espera ampliar a atuação do setor – que hoje corresponde a 3% do PIB - com a inauguração do novo aeroporto, em 14 de maio de 2014. “Teremos um prédio [em construção] que abrigará toda a estrutura do novo aeroporto. No velho terminal, um estudo indicará a viabilidade de termos um centro de convenções em Campinas”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, Samuel Ribeiro Rossilho. Segundo ele, a inauguração do novo prédio que abrigará toda infraestrutura para embarques e desembarques, lojas e duty free será um grande

3


Alexandre e Michel Tuma Ness no estande de São Paulo

GALERIA DE FOTOSJunho de 2013 - 1ª quinzena

Clayton Armelin, da Flytour Viagens, e Vitor Bauab, do Beto Carrero

Karina Rodrigues, Luciana Fernandes e Danielly Aguiar, da Empetur

Carolina Mezzalira, da Freeport, e Daniel Biancareli, da Monde

João Victor Chaves, diretor de Turismo de Ipojuca, e Daniel Jacarandá, da AHPG

Kleber Rego, do Porto Suítes, com Daniel Santos, da Trend

Tania Sanches, Raul Monteiro e Carla Reis, do Iberostar

Carlos Tribín, do Intercontinental, e Maurício Viana, da República Dominicana

Edições do M&E sendo distribuídas durante a feira

4

Alex Bonareti e Wagner Fernandes,do Blue Tree

Aristides Cury, da Aprecesp, e Fernando Vernier, do Campinas CVB

Juarez Cintra, da Ancoradouro, entre Cleiton Feijó e Plínio Nascimento, da Nascimento Turismo

Frankin Gomes e Cássio Lucas, da SAA

Sandra Souza e Marcia Marigheti, da Avirrp

Valter Patriani, da CVC com Michael Barkoczy, da Flytour

Rosa Masgrau, do M&E, e Eduardo Gachido, da Atlantica Hotels

Michael Barkoczy e Cristiano Placeres, da Flytour Viagens

Ilya Hirsch, Lizberth Rada e João Gonçalves, da Qualitours

Raquel Gomes e Renata Di Bernardo, da Tap

Sylvia Franco e Francine Fernandes, de Poços de Caldas

Rosilene Bastos e Carlos Figueira, da Paratur

Daniella Muniz e Marisa Guilger, do Meliã

César Turlão e Renato Carone, da Turnet


Rosa Masgrau, do M&E, conversando com Luciana Fernandes, André Correia e Alberto Feitosa, de Pernambuco

Willian Périco, da Abav-SP

Luciana Canto, da SPTuris

Aroldo Schultz, da Schultz

Equipe da RCA

Dilson Fonseca, do Catussaba e Resorts Brasil

Luiz Paulo Luppa, da Trend

Paula Souza, do Palladium

GALERIA DE FOTOS

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Paulo Renato, da Semtur-Vitória

Equipe da Accor

5

Claudio Gebenlian e Flavia Furtado, da Schultz

Afonso Louro, da Visual

Plínio Fernandes servindo o seu café no Espaço Ancoradouro

Ricardo Domingues, da Resorts Brasil, e Jeferson Munhoz, do Bourbon

Luis Fernandes, da Bedsonline

Felipe Timerman e Renato Gonçalves, do Seaworld

Silvio Luiz, da Pullmantur, com Marcelo Paolilo, da Flytour Viagens

Toni Sando, do SPCVB, e Orlando Souza, da Tur.SP

José Roberto Trinca, da American Airlines e Marcelo Matera, da Aviesp

Fábio Mader, da CVC, e Paulo Kugelmas, da Setur AL

Cooperados no estande da Bahia

Cleide Martins e Fernanda Toledo, da New Line


Capacitações ofereceram profissionalização em produtos e destinos

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Nos dois dias da Aviestur 2013 as arenas multitemáticas de capacitação estiveram lotadas. As três salas, que foram patrocinadas pelo Beto Carrero World, receberam treinamentos de empresas como Nascimento Turismo, Pernambuco, Flytour, Club Med, Egípcia Tours, GTA e Confidence Cambio Além disso, os agentes puderam saber das novidades de destinos como Turquia, Jordânia, Dubai e Catar. Outro destaque foi a apresentação de Gervásio Tanabe da Abracorp, que falou sobre precificação.

6

Beto Carrero mostra atrativos para agentes do interior de SP O Beto Carrero World patrocinou as capacitações que acontecem na Aviestur 2013 e também apresentou os seus atrativos aos agentes que visitaram o evento. A coordenadora de Vendas do parque, Rafaela Marques, destacou o novo momento vivido pelo empreendimento e a maior proximidade com o trade. “Fizemos um estudo da nossa marca, lançamos um departamento de eventos e colocamos os personagens da DreamWorks no parque”, lembrou. Para os agentes de viagens, ela sugeriu que recomendem aos seus clientes dois dias de visita ao parque. Segundo ela são 14 milhões de m² – sendo que só 15% disso é de área construída – e muitos atrativos. “Temos diversos shows que valem a pena serem assistidos e para isso é necessário um dia inteiro”, afirmou. Entre os destaques estão o Scalibur, o Extreme (que em breve será Velozes e Furiosos) e o Aqua.

Em capacitação, Pernambuco destaca pluralidade do destino O estado de Pernambuco foi o assunto de uma das capacitações que acontecem durante o primeiro dia do evento. A executiva de marketing da Empetur, Danielly Aguiar, destacou a pluralidade do estado, que conta com diversos destinos próximos a capital, Recife. “O turista pode se hospedar em Recife que está próximo a Porto de Galinhas e do nosso Agreste, por exemplo. É possível fazer tudo isso em apenas um dia”, contou. Ela também falou sobre os atrativos de Recife. Embora seja um destino muito vendido para viagens de negócios, Danielly lembrou dos atrativos de lazer do destino. “Temos o centro antigo com muita cultura. Aos finais de semana a cidade conta com ciclofaixas e com palcos de apresentações culturais”, afirmou.

Flytour Viagens destaca vendas online A Flytour Viagens destacou a venda de pacotes online para os agentes de viagens. O gerente de Vendas da operadora, Cristiano Placeres, ressaltou que com as ferramentas corretas as agências podem ter competitividade ante as OTAs. “É possível ganhar vendas das online. É importante entender que não se trata apenas de tirar pedidos, mas de vender uma viagem assistida aos clientes”, afirmou. Neste contexto ele destacou um novo produto do portal da Flytour. Os “Pacotes Terrestres Prontinhos” (PTP) são, segundo ele, uma ótima ferramenta para que os agentes não percam vendas. Principalmente daqueles clientes que possuem milhas. Esses pacotes já estão disponíveis no portal da operadora com saídas até 24 fevereiro de 2014.


Nascimento lança nova campanha de vendas para agentes

Roy Taylor e Rosa Masgrau do M&E, Michael Tuma Ness, da Fenactur, e Vitor Bauab, do Beto Carrero com os personagens do parque

Equipe da Localiza

Boteco da Trend na Aviestur 2013

GTA lança produtos e mostra diferenciais de produtos A GTA está lançando dois novos produtos durante a Aviestur 2013. O primeiro deles é o seguro que cobre gestantes em viagens. Segundo o presidente da empresa, Celso Guelfi, não existe nenhuma outra assistência que tenha este tipo de cobertura no mercado. Gelson Popazoglo Além disso, o seguro de cancelamento de viagem ganhou um reforço e agora tem coberturas entre US$ 3 e U$ 5 mil. O diretor Comercial da Global Travel Assistance (GTA), Gelson Popazoglo, palestrou s obre a “A importância da assistência para viagens”. Popazoglo apresentou a diferença entre seguro e assistência de viagem e os benefícios desta aquisição para os agentes. “Queremos mostrar a importância da inclusão do cartão de assistência no pacote de viagens”, comentou.

GALERIA DE FOTOS 7

Guarujá terá bases no interior de SP para promoção turística O secretário de Turismo do Guarujá, José Carlos Rodriguez, contou em entrevista ao M&E que a cidade do litoral paulista vai estabelecer bases de promoção no interior do Estado em busca do incremento no receptivo. “Temos recebido uma série de Turistas do interior. José Carlos Rodriguez Hoje, um dos focos do Guarujá é ampliar os visitantes destas cidades”, comentou. Rodriguez disse ainda que as bases estão previstas para as cidades de Ribeirão Preto, Campinas, São José do Rio Preto e Bauru. “Nossa proposta é capacitar pessoas para que possam ampliar a capacitação e promoção dos agentes de viagens nestes destinos”, disse. Segundo o secretário, Guarujá está com estudos e investimentos previstos para toda infraestrutura das 27 praias e dos 12 roteiros diferenciados que hoje existem como atração na região.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Em substituição a campanha “Uma dose de exclusividade” lançada em 2012, a Nascimento Turismo apresenta o novo mote para as vendas em 2013. Trata-se da campanha “Experimente um mundo diferente”, que vai oferecer roteiros diferenciados para quem já Cleiton Feijó viajou ou mesmo experiências inovadoras em destinos domésticos e internacionais. “Estamos dando foco em alguns novos destinos nacionais e internacionais. Outros com experiências diferenciadas para quem já viajou a lugares como Nova York, Orlando, Las Lenhas, Caribe, Paris e outros locais dentro e fora do país”, disse Cleiton Feijó, diretor Comercial da operadora. O novo conceito – que traz também a exclusividade – é para oferecer diferenciais como um café da manhã em um bistrô francês, pilotar uma Ferrari em Dubai ou até andar de patins em Venice Beach, na Califórnia. A Campanha será lançada nacionalmente no dia 20 de maio. Novo site - O novo site da Nascimento Turismo agora oferece confirmações de reservas online para os agentes de viagens. “Com esta nova opção o profissional poderá receber do seu cliente na hora da venda dentro da agencia”, disse Feijó. De acordo com ele, a nova ferramenta de busca – pacotes Nascimento – vai oferecer agilidade ao agente no mento da venda. A nova opção faz parte da área de Reservas Online, onde é possível comprar aéreo, cruzeiros, pacotes, carro, e circuitos. O novo site, segundo Feijó, está mais clean, ágil e estruturado. “Temos que passar aos nossos clientes e distribuidores mais habilidade na utilização faz nossas ferramentas online”, disse.

Equipe da MMT Gapnet

Adrian Ursilli e sua equipe da MSC


Festas marcam dias da Aviestur em Holambra Os eventos sociais também foram destaques na Aviestur 2013. Reunindo expositores, autoridades e agentes de viagens, as festas agitaram Campinas e Holambra – que recebeu a feira pelo primeira vez. No dia anterior à abertura, os expositores se reuniram em um happy hour promovido pela entidade no salão do hotel Vitória [Vitória Hall], em Campinas. O evento recebeu 165 pessoas e foi animado um show da banda Quatro Fatos. Depois vieram Club Med, CVC e Flytou e Empetur juntas.

Junho de 2013 - 1ª quinzena

Destaque para a festa “pernambucana” de encerramento

Flytour Viagens e Empetur patrocinam festa de encerramento

“Luau em Porto de Galinhas” foi o tema da festa de encerramento da Aviestur 2013. Com o patrocínio da Flytour Viagens e da Empetur, ela foi ambientada com o tema Sol e Mar e a atração principal foi um show do cantor pernambucano Geraldinho Lins, com muito forró. O cardápio da festa foi desenvolvido pelo Chef Felipe Barreto e contou com muita comida típica de Pernambuco. Na ocasião, a Flytour Viagens, em parceria com a Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas, sorteou uma série de pacotes para os agentes que participaram da festa. A festa também foi marcada pela comemoração de um ano da operadora. O presidente da empresa, Michael Barkoczy, destacou também a força do interior do estado de São Paulo e já confirmou o patrocínio da festa da Aviestur 2014. “A região é muito importante para nós e já representa 30% do total das nossas vendas”, finalizou.

8

Club Med fechou o primeiro dia

CVC e Alagoas anunciam fretes para alta temporada

O Club Med patrocinou a festa de encerramento do primeiro dia da Aviestur 2013. Com muita MPB a festa foi realizada em um ambiente que lembra as festas dos villages da rede, com muita música e animação. Entre as novidades apresentadas na feira, estão os voos fretados para as férias de julho para a unidade de Trancoso saindo de Campinas. Além disso, o diretor Comercial do Club Med, Marco Oliva, falou dos pacotes formatados em parceria com as companhias American Airlines e Avianca para Cancun. Outra novidade apresentada aos agentes de viagens que visitam a feira é o desconto de até 20% em compras efetuadas até o dia 5 de junho para o resorts do Brasil.

A CVC e a Setur Alagoas patrocinaram o almoço do segundo dia da Aviestur 2013. Na ocisão foi apresentado aos agentes de viagens os novos fretamentos da operadora para o destino na alta temporada saindo do interior de São Paulo. Durante todo o ano a CVC conta com bloqueios – em parceria com a Azul – aos sábados domingos e segundas saindo de Viracopos. No caso de Ribeirão Preto, há lugares semanalmente nos voos da companhia. No entanto, para a alta temporada, a parceria é com a Tam. Com saídas semanais aos domingos e durante todo o mês de julho, serão operados charters de Campinas para Maceió. O voo será feito com aeronaves A320, que tem capacidade para 174 lugares. Já de Ribeirão Preto, o chrater será feito com aviões A319, que contam com 144 lugares. As saídas serão aos sábados também durante todo o mês de julho.

Marco Oliva e a equipe do Club Med

CVC e Alagoas patrocinaram almoço no segundo dia


Mercado & Eventos Edição 225  

Mercado & Eventos Edição 225

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you