__MAIN_TEXT__

Page 1

Luis Izcovich Convidado Internacional Médico Psiquiatra e Psicanalista. Membro Fundador dos Fóruns do Campo Lacaniano na França. AME da Escola de Psicanálise dos Fóruns do Campo Lacaniano. Exerce a Psicanálise em Paris-França. É ensinante, dando seminários regularmente no Colégio de Clínica Psicanalítica de Paris. Transmite a Psicanálise de orientação Lacaniana, na França, e em diferentes países da Europa, nos Estados Unidos, Austrália, Nova Zelândia e América Latina. É autor de numerosos trabalhos em Revistas de Psicanálise, nas línguas Portuguesa, Espanhola, Italiana, Inglesa e Francesa. Autor de vários livros, entre eles: “El cuerpo y sus enigmas”, “Los afectos en la experiencia analítica”, “Les usages du fantasme”, “Los paranoicos y el psicoanalises” e “Las marcas del psicoanalises”.

Apoio:

FCL-MS

XV ENCONTRO NACIONAL DA ESCOLA DE PSICANÁLISE DOS FÓRUNS DO CAMPO LACANIANO BRASIL

Informações e Inscrições: Fone: (31) 3222-3114 email: xvencontroepfclbrasil@gmail.com • Profissionais e Membros EPFCL - Brasil Até 31/05/14: R$ 260,00 Até 30/08/14: R$ 280,00 A partir de 30/08/14: R$ 320,00 No local: R$ 360,00

• Estudantes de graduação • Funcionários rede pública* Até 31/05/14: R$ 130,00 Até 30/08/14: R$ 140,00 A partir de 30/08/14: R$ 160,00 No local: R$ 180,00

Ficha de Inscrição: Dados para Depósito: Associação Fóruns do Campo Lacaniano Banco: Itaú • Agência 3102 • Conta 12144-3 • CNPJ 03.526.375/0001-88 *As inscrições serão válidas, mediante comprovante de estudante ou de funcionário público, enviado juntamente com a Ficha de Inscrição. E-mail: xvencontroepfclbrasil@gmail.com • Informações: Fone: (31) 3222-3114

Patrocínio:

Convidado Internacional

Luis Izcovich Paris - França

Nome

13 a 16/11/2014

Endereço Cidade

Campo Grande - Mato Grosso do Sul Cep

Estado

Fones Shopping Bosque dos Ipês (67) 3355-6879 Shopping Campo Grande (67) 3027-5454

E-Mail

Realização:

Local:

Categoria do Inscrito Profissionais e Membros EPFCL - Brasil

Estudantes de graduação / Funcionários rede pública

Av. Afonso Pena, 5282 frente ao Shopping Campo Grande


Sub-Temas para inscrição de trabalhos

O

Fórum do Campo Lacaniano do Mato Grosso do Sul sediará nos dias 13, 14, 15 e 16 de novembro de 2014 o XV ENCONTRO NACIONAL da Escola de Psicanálise dos Fóruns do Campo Lacaniano-Brasil. É com entusiasmo que para lá dirigimos nossa atenção, as questões e trabalhos relativos ao tema deste colóquio - AMOR E SEXOS. Esperamos que este encontro nos dê a oportunidade de discutir a importância da subversão promovida por Freud com sua descoberta do Inconsciente, sempre retomada com cuidado por Lacan, e as consequências no que diz respeito à Sexualidade, a Pulsão e o Amor. Quanto à sexualidade, para Freud os sujeitos são, de saída, bissexuais. Com tal postulado, nos ensina que há Homens e Mulheres bem demarcados no sentido do estado civil, mas eles não são feitos um para o outro como reza o discurso religioso, científico e social, porque a pulsão e o desejo, que estão na base da constituição de todo falante, independem de qualquer orientação sexual. Lacan nos diz, em seu Seminário, livro 19, que o princípio do funcionamento de gênero feminino e masculino é a linguagem, pois “a linguagem

é tal que todo ser falante é ou ele ou ela. Isso existe em todas as línguas do mundo.” Mas para ele, a identidade sexual, ser “homem ou mulher”, é o resultado de um processo que qualificou de sexuação. Há aí uma ação para indicar que é um processo de linguagem, não um fato de natureza. Este processo distribui os sujeitos em duas categorias: - Aqueles que estão totalmente na função fálica e aqueles que não estão totalmente inscritos nela. Os primeiros serão chamados Homens, qualquer que seja sua anatomia, e os segundos, que não estão totalmente inscritos na função fálica, se chamarão mulheres. Quanto ao conceito de pulsão, com seu objeto faltoso e sua força constante pedindo repetitivamente esse mesmo objeto, que não surge jamais, não se pode educá-la nem acomodá-la aos ideais da sociedade, a uma educação sexual. E o amor, o amor no XV Encontro achará com certeza quem o cante, o analise, não só nas histórias dos costumes ou nos mitos, mas nas descobertas que a psicanálise soube depositar. Deixo aqui para sugeri-lo ou motivar, o que está no texto de 1914, “Sobre o narcisismo: uma introdução”, no qual Freud diz: “É preciso amar para não adoecer”. Delma Fonseca Diretora da CG

• O amor nas estruturas clínicas e na direção da análise • Dizer-se homem ou mulher • Amor e sexuação na histeria e na neurose obsessiva • Amor on e offline • O amor na entrada e na saída da análise • Homossexualidades • Em-jogos da teoria queer • Novos arranjos familiares • Fertilizações assistidas • As assim chamadas “desordens da diferenciação sexual” • Transexualidade e travestismo Comissões

Científica: Coordenação Andréa Brunetto (MS) Alba Abreu (SE) Ana Laura Prates (SP) Elynes Barros Lima (CE) Gracia Azevedo (PE) Robson Mello (PR) Sonia Magalhães (BA) Vera Pollo (RJ) Organização: Coordenação Juliana Costa Cultural: Coordenação Marisa Costa Divulgação: Coordenação Marilene Kovalski

Coordenação

4.bp.blogspot.com/-kNxO-3je2Qg/TzA5eURXOrI/AAAAAAAABaM/OnfyKExjd1Q/s1600/maca2+pecado+branca+de+neve.jpg

Nacional: Delma Fonseca Gonçalves (coord.), Andréa Milagres e Madalena Kfuri Local: Isloany Machado

Profile for Mateus Oliveira

Encontro amoresexo  

Encontro amoresexo  

Profile for mateus113
Advertisement