Issuu on Google+

ANO I

Nº 24

13 DE JULHO DE 2007

PALAVRA

O TESOURO ESTÁ NO CÉU Existem muitos mistérios ocultos desde a criação do mundo, e o homem busca conhecê-los incessantemente de geração em geração. Quando Jesus Cristo foi revelado à humanidade, muitos deles foram expostos e a vida de muitas pessoas passou a ser transformada por isso. E ainda hoje isso continua acontecendo. Quando Jesus estava na cruz, no instante em que morreu, o véu do santuário rasgou-se em duas partes1 e a partir daí passamos a ter o acesso livre à presença do Deus vivo e aos Seus mistérios. Um dos grandes segredos revelados nesta época foi de que tudo haveria de convergir em Cristo2, tanto as coisas celestiais quanto terrenas. Em outras palavras, o universo foi revelado como Cristocêntrico, e tudo o que há nos céus e na terra passou a girar em torno de Cristo. Quando o filho de Deus morreu na cruz por nós, lhe foi dada uma herança espiritual3 incalculável. Toda a glória e todas as riquezas celestiais foram contidas Nele. A melhor parte dessa verdade é que Ele decidiu dividir essa herança com todo aquele que crer4 em Seu Nome, de todo o coração, e guardar os Seus mandamentos. Quando cremos em Jesus e entregamos nossas vidas a Ele, que está vivo, recebemos uma herança celestial que jamais poderá perecer, macular-se ou perder seu valor5. Buscar as coisas do alto e não as terrenas6 é tarefa básica para qualquer cristão, pois sabe-se que existe uma recompensa individual reservada nos céus, e esta será distribuída conforme as obras de cada um7. Quando éramos crianças, muitos de nós ouvimos a história dos “três porquinhos”, em que dois deles queriam brincar e descansar logo, por isso construíram suas casas com palha e madeira. No entanto, o terceiro porquinho, que era mais trabalhador, sabendo que havia perigos na floresta, decidiu construir sua casa com tijolo. O restante, todos sabem. O interessante é que essa historinha tem base bíblica, e não só isso, ilustra a realidade espiritual da jornada terrena de cada um de nós. Existe uma passagem na Bíblia que fala a respeito deste mesmo tema. Na segunda carta de Paulo para Timóteo, o apóstolo nos compara a vasos de barro8, madeira, prata e ouro. Ele diz que há vasos que são usados para fins honrosos e outros para fins desonrosos. Aqueles que se purificam de todo o mal que há nesse mundo e buscam a santidade, são de ouro e de prata, e serão usados para a honra, útil para o Senhor e preparado para toda boa obra9. Sendo que, todo aquele que crê em Jesus, constrói sua casa sob o alicerce de Cristo10, a pedra angular11. A única diferença é o tipo de material que é usado na edificação12. Com provas de fogo seremos testados aqui na terra para ver a solidez da nossa construção13. A Bíblia diz que aqueles que construíram com ouro passarão inabalados diante dessas provações, mas aqueles que construíram com madeira e barro passarão como alguém que é queimado pelo fogo, mas é salvo14. Na prática, aqueles que se santificam, buscam a intimidade do Senhor e procuram fazer a obra de Deus sendo testemunhas fiéis de Jesus aqui na terra, são aqueles que constroem com

prata e ouro. Para estes, pode vir a prova que for que eles permanecerão em pé e sobrenaturalmente terão paz, independente das circunstâncias. Serão usados para fins honrosos dentro da obra de Deus e terão completa alegria. Já os que decidiram viver de uma maneira mediana, com um pé na Igreja e um pé no mundo, são os que constroem com madeira e barro. Constantemente são assediados pelo inimigo, sofrem ataques físicos e espirituais, e fraquejam na fé. Eles são cristãos do mesmo jeito e serão salvos, porém, como alguém que é salvo com queimaduras de fogo. Muitos de nós, por preguiça de buscar a Deus ou pelo desejo de curtir um pouco mais os prazeres dessa vida, construímos casas celestiais com materiais de baixo nível, como barro e madeira. Muitos constroem verdadeiros palácios aqui na terra, mas preparam barracões de palha nos céus. Temos a tendência de esquecer de uma realidade tão grande como essa e vivemos tentando prorrogar a idéia de que tudo que há nessa terra vai perecer e que o galardão que vai ficar conosco na vida eterna é baseado na nossa conduta durante esta vida. Esquecemos que as riquezas que herdamos com Cristo são tão grandes, que nem olhos viram e nem ouvidos ouviram o que Deus tem preparado para nós15. Mas o inimigo sabe disso e tenta ao máximo nos iludir com as coisas deste mundo, nos deixando infrutíferos e inoperantes16 para Deus. Chega de prorrogarmos a nossa obra para Jesus, sejamos santos porque Ele é santo17. Compremos do ouro mais puro e refinado dos céus18 para construção de nossas casas espirituais. Fazemos isso, restaurando os princípios e abandonando os velhos hábitos e vivendo de maneira digna de alguém que é nascido do Espírito19. Purifiquemos-nos das impurezas deste mundo e sejamos vasos para honra. O nosso galardão nos céus é real e a cada dia que passa e que não frutificamos, deixamos de construir algo que é eterno. O livro de Apocalipse diz que no dia do Senhor haverá pranto e ranger de dentes20, no entanto, não somente pelo que fizemos de mal, pois o sangue de Jesus é poderoso o suficiente para perdoar21 qualquer pecado. Mas o ranger será principalmente pelo arrependimento das coisas que não fizemos. Comecemos hoje a fazer a boa obra. Busquemos as coisas do alto e glorifiquemos o nome de Jesus hoje e para todo o sempre.

(1) Mt 27:51 | (2) Ef 1:10 | (3) Fl 2:9 | (4) 2Pe 1:4 | (5) 1Pe 1:4 | (6) Cl 3:12 | (7) 1Co 3:8 | (8) 2Tm 2:20 | (9) 2Tm 2:21 | (10) 1Co 3:11 | (11) Ef 2:20 | (12) 1Co 3:12 | (13) 1Co 3:13 | (14) 1Co 3:15 | (15) 1Co 2:9 | (16) 2Pe 1:8 | (17) 1Pe 1:16 | (18) Ap 3:18 | (19) Gl 5:16 | (20) Mt 8:12 | (21) 1Jo 1:7

PRÓXIMOS ANIVERSARIANTES 19/07 - Pedro Henrique Bueno Rosa

(62) 3091-3795

21/07 - Fernanda Alcanfôr Oliveira

(62) 3093-7868

13/08 - Cassiano Rosa

(62) 3215-4219

16/08 - Ricardo de Oliveira Silva

(62) 3289-7767

30/08 - Rosely Coutinho Patrocínio

(62) 8418-0809

04/09 - Roberta Junqueira Coutinho

(62) 8418-0951

15/09 - Cristina Rosa Coutinho

(11) 8442-4432

18/09 - Mônica Paiva de Souza e Silva

(16) 8142-2517

TESTEMUNHOS DA QUINZENA

ROBERTO WILLIAMS BATIS TA Em fevereiro de 2004, meu precioso filho Lucas nasceu. Apesar dessa grande bênção ter chegado a nossa família, minha esposa teve depressão pós-parto profunda e passamos a viver dias de grande tribulação. Foram analistas, médicos, psiquiatras, remédios controlados e muita dor para todos. Não tínhamos apoio, havíamos afastados de nossos familiares e não partilhávamos o problema com ninguém. Em novembro de 2004, um amigo meu, conversando comigo por MSN, se revelou crente em Jesus e disse que eu seria o pilar do filho de Deus em minha família. Foi algo muito estranho, sem pé nem cabeça. Fiquei por alguns dias pensativos, mas não levei a sério o que aquele “fanático” me disse. Algumas semanas mais tarde, tive um pesadelo, no qual havia morrido e estava em um local com a ausência total de Deus. Um lugar escuro e extremamente opresso, onde eu chorava muito de angústia e dor. Acordei chorando desesperadamente, estava ofegante e cansado. A visão deste pesadelo não saía de minha cabeça, e passei a buscar alguma maneira de me aproximar de Deus. Era abril, minha esposa havia recuperado um pouco de peso, mas ainda estava muito debilitada física e mentalmente. Decidiu separar-se de mim. Estávamos no fundo do poço. Passei a Páscoa na casa de minha irmã mais velha e me preparava para a separação. Durante a semana que se passou, ia frequentemente chorar no banheiro de meu escritório, e um dia, na saída, encontrei dois amigos que eram crentes em Cristo Jesus. Convidaram-me para conhecer a Jesus, não pude resistir a este chamado do Pai, fui à célula do pastor Murilo Tartoni e comecei a conhecer a Verdade. Quatro semanas depois, minha esposa foi ao Encontro com Deus, um retiro espiritual, e voltou completamente curada. Algo tão poderoso que se espalhou por todas as áreas de nossas vidas. Tornamos-nos pessoas prósperas, com a paz e abundância de Deus, nos possibilitando sonhar novamente. Compramos um apartamento novo, viajamos para Israel e passamos a servir ao Pai. Como onde Jesus entra Ele conserta tudo, reconciliamo-nos com nossas famílias e passamos a ser canais de Deus em suas vidas, experimentando ver a conversão deles à Cristo Jesus. Glória a Deus!


FemC24