Page 1

Conectando memórias, construindo o futuro

AGRICULTURA URBANA

MERCADOTECA

um novo olhar para o espaço público MIRANTE

Acadêmica: Maísa Deghaidi Jordão Orientador: Fábio Ferreira Lins Mosaner

Trabalho de Conclusão do Curso de Arquitetura e Urbanismo 2018/2 Universidade Federal de Santa Catarina

BIBLIOTECA

APRESENTAÇÃO

O PROJETO

A PRAÇA A praça, simbólica por fundar o âmbito do espaço público na cidade, é um local histórico de encontros, de trocas, de eventos, de cultura, de comícios e de vivências, o local sempre constituiu um ponto chave e principal de Ribeirão Preto, reflexo dos diferentes ciclos religiosos, econômicos e políticos da cidade. A Praça abriga o maior evento cultural da cidade - Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto - sendo a segunda maior feira a céu aberto do país. A feira do livro é hoje um dos mais fundamentais instrumentos de ressignificação do espaço e das relações na cidade, possibilitando eventos gratuitos e relacionando em rede os equipamentos culturais existentes em seu entorno. O evento permite um novo olhar para o espaço da praça e uma nova possibilidade de relações urbanas, se constituindo assim como uma das principais diretrizes do projeto arquitetônico para esse espaço, de expandir essas relações que ocorrem durante duas semanas para o ano todo.

O recorte espacial deste trabalho é a Praça XV de Novembro, localizada na área central de Ribeirão Preto, interior do estado de São Paulo. O trabalho busca entender a dinâmica das inúmeras conformações e o papel da Praça XV de Novembro como local fundador da cidade e espaço simbólico e de memória, para a partir de então propor um equipamento público no local. Como objetivo, o trabalho busca ressignificar o espaço que conforma o entorno da Praça através da construção de uma edificação institucional, a nova biblioteca municipal, que potencialize e interligue em rede os equipamentos culturais já existentes no entorno, criando uma conexão entre eles. A proposta arquitetônica com o viés urbano visa trabalhar a relação de pertencimento e interação com a cidade. Relembrar a história do marco fundador da cidade e permitir uma ressignificação do espaço através da contemporaneidade e flexibilidade de usos.

CONFORMAÇÕES E TRANSFORMAÇÕES DA PRAÇA XV

CORTE CC ESC. 1:250

A nova Biblioteca Municipal de Ribeirão Preto além de se relacionar com o entorno através do programa, procura também articular os espaços internos e externos e servir como catalizador de novos fluxos, atividades e relações. O projeto é resultado das relações urbanas existentes que moldaram e foram as principais condicionantes da volumetria existente. O edifício apresenta uma nova tipologia de inserção em quadra em relação à seu entorno construído e propõe um percurso paisagístico através da rua elevada que conecta o térreo à cobertura, trazendo assim ao transeunte a sensação de percorrer o entorno e possibilitando diferentes visuais da cidade. Os espaços propostos permeiam e mesclam as relações de interior e exterior, trazendo a ambiência de espaço aberto e terraços ao longo de toda a edificação. As laminas de concreto se destacam na paisagem através de seus grandes balanços e seu volume de vidro recuado. A vegetação é incorporada tanto na parte interna da praça quanto nas floreiras ao longo dos pavimentos interagem e criam uma relação de complementaridade e continuidade da Praça central localizada em frente ao edifício. Para a implementação do projeto, a atual biblioteca municipal da cidade teve o seu programa alterado para biblioteca infanto-juvenil para fins de separação do acervo e por representar um programa mais adequado às instalações atuais da mesma.

ATELIÊS

ADMINISTRAÇÃO / SEDE FEIRA DO LIVRO

MIDIATECA

Para se entender as dinâmicas ocorridas no recorte urbano escolhido, foi um levantamento do histórico específico do entorno da Praça XV. As transformações ocorridas na praça foram dividas em 6 momentos definidos pela construção de importantes edificações que modificaram a dinâmica urbana do espaço. A reconstituição urbana obtida, permite a compreensão do conjunto urbano que permeia a praça e se constitui como um importante instrumento de análise de cada período.

Largo da Igreja Matriz

Palacete da família Junqueira / Biblioteca Altino Arantes

Teatro Carlos Gomes

Teatro Carlos Gomes

Projeção do ajardinamento inicial do Largo

Ajardinamento inicial da Praça XV

Hotel Palace Theatro Pedro II Edifício Meira Junior

Terminal Urbano

Palacete Camilo de Mattos

Praça XV

Palacete Inecchi

Hotel Palace Theatro Pedro II Edifício Meira Junior

Legenda Edificações presentes na planta do entorno do Teatro Carlos Gomes Edificações estimadas a partir de fotos

Planta Baixa Largo da Igreja Matriz com Teatro Carlos Gomes de 1897 a 1905 (data de demolição da Igreja)

Legenda Edificações presentes na planta do entorno do Teatro Carlos Gomes Edificações estimadas a partir de fotos

Planta Baixa da Praça XV com Teatro Carlos Gomes de 1905 a 1920 (data de construção do Quarteirão Paulista)

Legenda Edificações estimadas a partir de fotos

Planta Baixa da Praça XV com Teatro Carlos Gomes e Quarteirão Paulista de 1920 a 1946 (data de demolição do Teatro Carlos Gomes)

RELAÇÕES URBANAS DE PROJETO

Palacete Camilo de Mattos

Praça XV

Palacete Inecchi

Terminal urbano de ônibus

Legenda Edificações novas estimadas a partir de dados históricos Edificações estimadas a partir de fotos

Planta Baixa da Praça XV com Terminal Urbano de Ônibus data aproximada - década de 1980 (Terminal demolido em 1999)

ESPAÇO EXPOSITIVO Biblioteca Altino Arantes

Sede Sociedade Recreativa Centro Cultural Palace (CCP)

Choperia Pinguim

Palacete Camilo de Mattos

Praça XV

Theatro Pedro II

Edifício Diederichsen

Edifício Diederichsen

Planta Baixa Largo da Igreja Matriz de 1868 a 1897

Palacete da família Junqueira / Biblioteca Altino Arantes

Sede Sociedade Recreativa

Teatro Carlos Gomes

Conformação Atual

Quarteirão Paulista

Igreja Matriz

Construção do Quarteirão Paulista

Teatro Carlos Gomes

Quarteirão Paulista

Igreja Matriz

Início da dimensão pública - Construção do Teatro Carlos Gomes

Quarteirão Paulista

Conformação inicial - Núcleo fundacional / Largo da Igreja Matriz

Praça Carlos Gomes Área de Projeto

MARP Prefeitura Municipal

CAFÉ

Edifício Diederichsen

Legenda

Planta Baixa conformação atual da Praça XV de Novembro

Calçadão Edificações estimadas a partir do Google Maps e do arquivo disponibilizado pela Prefeitura Municipal da cidade

Legenda Calçadão

LIVRARIA / BANCAS

Edificações estimadas a partir do Google Maps e do arquivo disponibilizado pela Prefeitura Municipal da cidade

CORTE DD ESC. 1:250

ELEVADORES RUA ELEVADA

ESTACIONAMENTO

Preservar a vegetação existente no local e utilizar a vegetação como forma de conexão entre os espaços

CORTE AA

CORTE BB

ESC. 1:500

ESC. 1:500

B

C

C Rua Duque de Caxias

Rua Duque de Caxias

Rua Duque de Caxias

B

C

C

C Rua Duque de Caxias

B

B

B

Rua Duque de Caxias

1

9

ESC. 1:500 05

10

20

A

10

13

5

6 9 7

3 4 5 6

B

7

Rampa Subsolo 8 9 Livraria 10 Café Bancas 11 Escada Cinemateca 12 Praça Biblioteca 13 Elevadores

Rampa - Rua Elevada Escada Pressurizada Depósito Lixo Escada Subsolo Banheiros

Estar Cinemateca Cinemateca 3 Recepção Cinemateca 4 Administração / Sede Feira do Livro 5 Passarela 1 2

PLANTA BAIXA PRIMEIRO PAVIMENTO (COTA 3,50) ESC. 1:500

10

A

20

B

8 9 10 11

Área Expositiva Elevadores Escada Pressurizada Banheiros Área Rua Elevada Rampa - Rua Elevada

5 3

4

6

7

A

9

8 9 1 10

Rua General Osório 6 7

2

5

8

Rua General Osório C

05

11

2

8

10

Rua General Osório 1 2

4

3

A

2

11

3

13 12

C

ESC. 1:500

10

20

7

Área de Estar 8 Estar Biblioteca 9 Área de estudos Ateliê 10 Elevadores 3 Armários 4 Cadastro e separa- 11 Escada Pressurizada ção do acervo 12 Área administrativa 5 Entrada Biblioteca 13 Banheiros 6 Balcão de emprés- 14 Área Rua Elevada timos e devoluções 15 Rampa - Rua Elevada 7 Acervo

1

B

4

4

A

A

5

3 6

9

5

10

8 11

13

12

C

2

A

A

1

7

1 Espaço Rua Elevada 7 2 Rampa - Rua Elevada 8 3 Passarela 9 4 Área estudos em 10

grupo

ESC. 1:500

Estar Biblioteca 6 Área de estudos 5

10

20

B

Acervo Área de Estar Elevadores Entrada Biblioteca 11 Escada Pressurizada 12 Armários 13 Banheiros

A

5

8 9 6

7

C

Rua General Osório

1 Mirante 2 Bar

PLANTA BAIXA TERRAÇO (COTA 14,00) ESC. 1:500 05

3

4

Rua General Osório

PLANTA BAIXA TERCEIRO PAVIMENTO (COTA 10,50) 05

8

14

1 2

PLANTA BAIXA SEGUNDO PAVIMENTO (COTA 7,00) 05

D

D

2

10

20

rotativos

Agricultura Urbana 6 Elevadores 7 Escada Pressurizada 8 Área de Estar

Estar Mercadoteca

9

3 Restaurantes

B

4

5

Banheiros

Rua Barão do Amazonas

12

2

1

Rua Visconde de Inhaúma

11

8

7

2

D

D

D

Rua Barão do Amazonas

6

2

14

1

Rua Visconde de Inhaúma

5

C PLANTA BAIXA TÉRREO (COTA 0,00)

1

D

Rua Barão do Amazonas

4

2

A

D

D

15

Rua Visconde de Inhaúma

D

3

Rua Barão do Amazonas

D

Rua Visconde de Inhaúma

Criar um percurso mirante que interligue o térreo à cobertura e se conecte com os diferentes programas dos pavimentos

Rua Barão do Amazonas

Possibilitar usos públicos e relações com a cidade de forma horizontal e vertical

MANTER A VEGETAÇÃO EXISTENTE

Rua Visconde de Inhaúma

RUA ELEVADA

Rua Tibiriçá

Apresentar uma nova tipologia de inserção em quadra, possibilitando diversos fluxos

TÉRREO E COBERTURA INTERLIGADOS

Largo do Quarteirão Paulista

O edifício deve se integrar a seu entorno

INSERÇÃO URBANA

Rua Álvares Cabral

TRABALHAR AS 4 FACHADAS

Profile for Maisa Jordão

Prancha Final TCC - Biblioteca Municipal de Ribeirão Preto  

Prancha final desenvolvida para a apresentação do TCC

Prancha Final TCC - Biblioteca Municipal de Ribeirão Preto  

Prancha final desenvolvida para a apresentação do TCC

Advertisement