Page 1

PRO-AM NO GOLFE Torneio favorece troca de experiência entre amadores e profissionais

Fazenda BoaVista Revista

Edição 22 - 2019

Voto eletrônico

Tecnologia apoia associados na tomada de decisões em Assembleia

Ídolos eternos

Craques do futebol comandam as comemorações do Dia dos Pais


Mais que fornecedores. Amigos. Quem está sempre junto quer sempre o bem, é sempre assim. Garantimos segurança, praticidade e conforto, porque sabemos o que é essencial para sua família sorrir mais, sem se preocupar com o básico. Você pode sempre contar conosco para te ajudar. Anote o número dos nossos consultores na sua agenda. Leonara Leonara.botion@ultragaz.com.br

19 9.9199-8057

Samuel

19 9.9196-1962

Unidade de apoio ao cliente

4003 1616 (capitais e regiões metropolitanas) 0800 886 1616 (demais regiões)


Revista

MAR DE BOUGANVILLES De cores intensas, primaveras colorem a paisagem da Boa Vista

Inspire-se

Foto: Mariane Melo/Fontpress

6


A. Jung

11 3032 8905 | Shopping Iguatemi SP

11 3152 6660 | Shopping JK Iguatemi


8

Carta do Editor

Revista

O verbo diversificar pode se tornar uma palavra mágica se posta em prática, pois muda tudo ao seu redor. A Fazenda Boa Vista, desde a sua concepção, tem buscado, de modo constante, agregar novas ações e projetos, visando o bem-estar de seus associados. O Primeiro Torneio de Pesca, realizado em setembro, no Lago do Haras, por exemplo, mostrou que nosso público quer exatamente isso. Inclusive as crianças, pois foi uma surpresa agradável ver que o evento girou em torno delas, acompanhadas dos pais. Na mesma linha, tivemos mais uma edição do Torneio PRO-AM, no campo Randall, que permitiu uma valiosa troca de experiências entre jogadores profissionais e amadores do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe (FBVCG). Se a regra é aprimorar sempre, a Assembleia Geral Extraordinária foi um sucesso, com a novidade do voto eletrônico, que permitiu uma aferição mais precisa e rápida dos tópicos. Entre os temas decididos, destaque para a escolha do local da nova Sede Administrativa do residencial, a ampliação da Portaria Social, a alteração no sistema de produção e distribuição de água e a eleição dos membros dos Comitês Temáticos. Ficou a certeza de que muita coisa boa vem por aí.

PRO-AM NO GOLFE Torneio favorece troca de experiência entre amadores e profissionais

Fazenda BoaVista Revista

Edição 22 - 2019

Voto eletrônico

Tecnologia apoia associados na tomada de decisões em Assembleia

Um grande abraço, Publisher revista Fazenda Boa Vista

Única revista com circulação autorizada na Fazenda Boa Vista DIRETOR-PRESIDENTE | Camilo Lellis DIRETOR-TESOUREIRO | Fabiano Menezes Barros DIRETORA-SECRETÁRIA | Camile De Luca Badaró DEPARTAMENTO SOCIAL | Carolina Mendes DIRETORIA | Luana Garcia PRODUÇÃO E PUBLICAÇÃO | Fontpress Comunicação - Av. Pavão, 955, cjs. 135 e 136, Moema São Paulo, SP – CEP 04516-012 | Tels.: (11) 5044.2557 e 5041.4715 | E-mail: rfbv@fontpress.com.br

JORNALISTA RESPONSÁVEL E EDITORA-CHEFE | Luana Garcia (MTB 43.879) REPORTAGEM | Ana Luísa Lage, Gonçalo Junior e Luana Garcia FOTOGRAFIA | Mariane Melo e Daniela Cano COLABORAÇÃO | André Soares, Mauro Lui e Pio Pastore ARTE E DIAGRAMAÇÃO | Caio Cesar FINANCEIRO | Greyce Vitorino COMERCIAL | Francisco Farias Fernandes Junior e Rebeca Deodato

PARA ANUNCIAR | (11) 5044.2557 e 5041.4715 | rfbv@fontpress.com.br IMPRESSÃO | PIFFER PRINT Publicação bimestral, custeada integralmente por anunciantes. É proibida sua reprodução total ou parcial, sem autorização por escrito da editora Fontpress. A Fontpress Comunicação não tem qualquer responsabilidade pelas fotos, matérias, anúncios e informes publicitários inclusos nesta edição.

Ídolos eternos

Craques do futebol comandam as comemorações do Dia dos Pais

Foto: Mariane Melo/Fontpress

DIVERSIFICAR PARA DIVERTIR


Índice 9

Revista

Seção Verde 12 Pescar desafios

Seção Verde 20 Tapete sempre verde

Golfe Clube 46 Amigos do golfe

Seção Verde 24

Golfe Clube 34

A ação dos musgos e líquenes

Aprender sempre

Golfe Clube 54 Venha pro campo!

Golfe Clube 56 O bom jogador

Social 74 Olhar apurado

Social 78 Cães acrobatas

Social 60

Infra 98

Craques do coração

Sempre em evolução

Social 84 Bezerros fofos

Centro Equestre 88 Diversão e aprendizado

Centro Equestre 90 Hipismo para cima

Serviços 94 Corpo são, mente sã

Por Dentro da Boa Vista 102

Por Dentro da Boa Vista 108

Momento Associação 110

A voz de todos

Roteiro de construção

Gestão transparente


Revista

Fotos: Mariane Melo/Fontpress

12

PESCAR DESAFIOS Primeiro Torneio de Pesca Esportiva da Fazenda Boa Vista é marcado por uma alegre competição entre crianças O primeiro Torneio de Pesca Esportiva da Fazenda Boa Vista acabou em uma surpresa inesperada e das mais divertidas, em que os protagonistas foram crianças de cinco a dez anos de idade. E com a presença marcante de familiares, que acompanharam as disputas pelo maior peixe e por quem conseguia fisgar mais. O evento foi realizado pela Associação Fazenda Boa Vista na nova área de pesca do Lago do Haras, ao lado do Kid’s Club, na ensolarada manhã do dia 14 de setembro. A pescaria foi organizada a pedido dos associados, que gostariam de ver a prática esportiva mais estimulada no residencial. No lago, a garotada tinha à disposição espécies como tucunaré azul, carpas, tambaqui, tilápia, lambari, traíra, saguiru, curimbatá e bagre africano. Na premiação por maior números de peixes fisgados, o primeiro lugar ficou com Benny Silva Sampaio, seguido por Vitor Perroty e Leonardo Barbosa. Já na categoria pesca de maior exemplar, o troféu foi para Vitor Perroty. O torneio começou com um delicioso café da manhã, que incluiu salgados, frutas frescas, sucos e outras guloseimas, além de bastante água para amenizar as altas temperaturas. Cada participante ganhou um boné personalizado – podia escolher entre as cores azul e rosa. Era notório o empenho dos pais em ajudar os filhos a colocarem a isca no anzol e até mesmo posicionarem a vara sobre a grade de proteção do lago. Difícil mesmo foi convencer a garotada de que pesca é uma atividade das mais divertidas e desafiadoras, mas que demanda tempo e paciência até aparecer algum peixe que fisgue o anzol. E algumas manhas de pescador também. Como, por exemplo, trocar de lugar de vez em quando para ver se encontra algum ponto com maior concentração de peixes.


Seção Verde 13

NA HORA CERTA Acostumados a uma rotina corrina e permeada por dispositivos eletrônicos, os participantes mirins do Torneio de Pesca da Boa Vista impuseram a si mesmos como desafio esperar, até mesmo por horas, que algum peixe cutucasse a isca. Alguns conseguiram. Outros revezaram com os pais e babás. Tudo com muito bom humor e diversão. Uma festa só. O competidor Vitor Perroty, de sete anos, por exemplo, tinha bons motivos para ficar feliz. Ele pegaria o maior peixe do dia. Até então, só havia participado de uma pescaria - com os pais, em alto mar. “Chamei minha mãe porque gosto, mas não tenho muita paciência”, admite. Yara Perroty, totalmente envolvida na experiência do filho e feliz por vê-lo tão participativo na competição, conta que os dois viram umas bolhinhas na água, em determinada área, e concluíram que deveria ter peixe ali. Optaram, então, por se concentrar naquele local. E acertaram. Vitor pegou um peixe de 31 centímetros, que lhe deu a vitória na categoria maior exemplar – ninguém no local, porém, soube identificar a espécie que, depois de medida, foi logo devolvida ao lago. “O torneio é um ótimo incentivo, a criança se engaja à natureza e sai um pouco do mundo da Internet e do celular”, observa Yara.


14

Revista

PAIXÃO POR PEIXES A visitante Gabriela Mckay Bilton, de nove anos, participou da competição acompanhada de alguns primos, associados do residencial. Apaixonada por pesca, ela conta que costuma praticar no Clube de Campo, em São Paulo, onde chegou a pegar 25 peixes em apenas um dia – principalmente traíra, pintado e alguns outros pequenos. “Gosto de puxar quando estão presos no anzol e ver qual é a espécie que peguei. Meu peixe preferido é a traíra.” Francisco Porto, seu primo, passou boa parte do torneio olhando o iPad, alheio ao que acontecia à sua volta. Quando concluiu que todo mundo estava se divertindo, deixou o equipamento de lado e resolveu acompanhar Gabriela. “Não me inscrevi porque não gosto. Mas pesquei um pouquinho, pelo menos, e gostei. O problema foi que o peixinho, maldoso, não queria vir pegar a isca do meu anzol”, diz ele.

Seção Verde


16

Revista

RITUAL SIMPLES Aos dez anos de idade, Benny Silva Sampaio foi o primeiro a chegar para o Torneio de Pesca. Pontualmente às 8h05, como fez questão de dizer. Foi direto para a margem do lago, com anzol e iscas. “Costumo pescar, nunca fiz isso neste lago porque não sabia que era permitido”, observa. Sua relação com os peixes começou há dois anos e ele logo se apaixonou pela prática. E fala com bastante entusiasmo sobre como vê o esporte. “Gosto de pegar, ver o peixe, ficar esperando e fico feliz quando vem um daqueles bem grandes.” Como pescador que parece conhecer bem a atividade, apesar da pouca idade, Benny contou que prefere o ritual mais simples, que aprendeu em família. “Sigo o modelo de sempre, o básico, que é botar a isca no anzol, posicionar a vara na água e aguardar pacientemente, sem nenhuma pressa. Quando a boia afunda, espero o melhor momento, dou um tranco e puxo o peixe.” No evento, o maior que ele pegou foi de 19 centímetros. “Quem gosta mais de pescar lá em casa é meu avô Leandro. Quando ele está aqui, fazemos isso juntos.”

AONDE PESCAR NA FAZENDA? O Lago do Haras foi aberto para pesca este ano, com infraestrutura para piquenique e descanso. No local, só é permitida a pesca esportiva, aquela em que os peixes, depois de fisgados, são devolvidos vivos à água. Atualmente, três lagos do residencial estão abertos à pesca. Os outros dois são os centrais. Há algumas regras para usufruir da pesca no residencial. Menores de 15 anos, por exemplo, só podem praticá-la acompanhados dos pais ou responsáveis. É proibido o uso de tarrafas, redes, covos ou quaisquer armadilhas para peixes, além de deixar lixo nas margens dos lagos. A expectativa é que os torneios, a serem realizados regularmente, estimulem associados de todas as idades a pescarem cada vez mais.


Seção Verde 17

FUGA DO ESTRESSE Acompanhada dos dois filhos, Suzana Gullo Mion lamentou que a família chegou um pouco atrasada para o torneio. “Mas, pelo menos estamos aqui e vamos tentar pegar alguma coisa”, diz ela, animada. “Acho maravilhoso esse tipo de atividade aqui no residencial porque, afinal de contas, a gente vem para cá para ter contato com a natureza, respirar ar puro, as crianças podem pescar, ter mais convívio social. Enfim, coisas importantes que a gente não consegue ter em São Paulo por causa da vida corrida que levamos.” Suzana soube do torneio no dia anterior, quando almoçava com amigas. Cada família tem sua regra de convívio, observa ela, e a da sua é: “Chegou à Boa Vista, nada de tecnologia”. Os meninos entregam a ela os iPads, pois não têm celulares. “Fazemos isso para que possam usufruir do que o residencial oferece. Eu os inscrevo toda vez que tem um evento assim. Quando chega a hora, as crianças amam.” Ela conta que cresceu em meio ao verde e sente não poder dar aos filhos tudo o que viveu junto à natureza. “Aqui, na Boa Vista, conseguimos um pouco disso.” Donatella Gullo Mion, filha de Suzana, adora pescar. “Achei o torneio bem legal, mas está difícil pegar peixe, precisa ter paciência e isso eu não tenho mesmo”, garante. Em um dos lagos da Fazenda, ela pegara um peixe em dois minutos. Seu irmão Stefano Gullo Mion parecia mais otimista. “Gosto de pegar muitos peixes, principalmente os grandes, para comer.” O que ele mais prefere à mesa, no entanto, não tem no residencial pois é um peixe de águas frias – o salmão.


18

Seção Verde

Revista

PESCA EM FAMÍLIA O associado Gil Karsten levou para o torneio os dois filhos, Theo e Thomaz, de sete e cinco anos, respectivamente. Quando soube do torneio, Gil perguntou aos meninos se queriam participar e eles adoraram a ideia. Acordaram cedo, bem empolgados. “A mãe é veterinária e lá em casa é contato o tempo todo com a natureza”, observa ele, que orienta os filhos a se desligarem de aparelhos eletrônicos sempre que estão na Fazenda. Seu filho mais novo, o divertido e esperto Thomaz Karsten, participou pela terceira vez de uma pescaria, apesar da pouca idade. “Gosto porque demora muito, mas só peguei ‘peixe folha’ até agora”, disse ele. Ou seja, nada. Ele diz, em tom de pedido ao pai – que o observava durante a entrevista –, que adoraria ter uma vara de pesca melhor, “daquela elétrica”, porque pega peixe mais rápido, segundo lhe disseram. O menino tem ambições quando compete. “Com um equipamento assim, ganharei mais pontos e posso levar um troféu. Na verdade, quero ganhar todos aqueles outros troféus também”, afirma, apontando para o local de premiação. “Depois, quero pegar um peixe-boi.” Pelo menos em simpatia, ele merecia vários prêmios.


ATLANTA | BEVERLY HILLS | BOCA RATON | BOSTON | CHICAGO | DALLAS | DENVER | FAYETTEVILLE | HOUSTON | JACKSONVILLE | LAS VEGAS | NEW YORK CITY | PARK CITY | PHILADELPHIA | PHOENIX | SAN FRANCISCO | SAN JUAN | SOLDOTNA | TULSA | WASHINGTON D.C. ATHENS | BOGOTÁ | HO CHI MINH CITY | LONDON | LOS CABOS | MEXICO CITY | NAIROBI | SÃO PAULO


Seção Verde

Revista

Fotos: Mariane Melo/Fontpress

20

TAPETE SEMPRE VERDE Nativa dos tempos anteriores à construção da Fazenda Boa Vista, braquiária é adotada no Campo Palmer do FBVCG Nem sempre sabemos o que está por trás de algo que faz parte do nosso dia a dia. Um exemplo? Adotadas na concepção do Campo Palmer do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe (FBVCG), as braquiárias são um tipo de grama bem comum no Brasil, bastante utilizado em áreas de pastos e em espaços onde se praticam esportes - como o golfe. Uma das vantagens de sua utilização é a baixa necessidade de manutenção, diferentemente das áreas com grama-bermudas - espécie presente em superfícies como as dos campos de futebol, que necessitam constantemente de poda, irrigação e outros cuidados. Prática, a braquiária é uma planta altamente sustentável, que sobrevive bem sem água e é resistente a todos os tipos de pragas. Portanto, entre suas principais características estão a alta resistência, baixa manutenção e coloração verde escura. Além de tudo isso, o que motivou seu uso no Campo Palmer é um motivo nobre: trata-se de uma planta pré-existente no residencial. Isso significa que ela está entre os tipos de vegetação nativa. Assim, sua adoção preserva as características naturais da Fazenda Boa Vista. O arquiteto e projetista americano Thad Layton, responsável por mais de 60 projetos de campos de golfe nos Estados Unidos e no exterior nos últimos 16 anos, explica que, no estudo realizado antes da construção dos campos da Fazenda Boa Vista, sua equipe observou que havia áreas extensas e pré-existentes de braquiária. Por isso, foi decidido usá-la em pontos irregulares, por se tratar de uma opção ambientalmente sustentável, sem necessidade de irrigação e que poderia fornecer um contraste de textura no campo.


Coleção Entre Mares VERÃO 2020

mundodoenxoval.com.br


NOVO BMW 320i

LANÇAMENTO EXCLUSIVO COM PREÇO ESPECIAL.

COM VERSÕES A PARTIR DE

R$ 187.950*

E 2MIL DE CASHBACK* A OSTEN BMW LEVA ATÉ VOCÊ O TEST DRIVE DO NOVO BMW 320i* *Exclusivos aos moradores do condomínio Fazenda Boa Vista. **Consulte horários com os nossos executivos de vendas, e eles levarão até a sua residência ou escritório. *Condições válidas para o BMW 320i Sport (5R11), 2019/2020 - 0 km, pintura Sólida. Preço sugerido de R$ 187.950,00 à vista ou entrada de R$ 64.529,56 mais 24 parcelas mensais de R$ 2.498,98 mais parcela final no 24º mês de R$ 93.975,00. Valor final do bem a prazo: R$ 218.480,08. Taxa de juros de 0,94% a.m.. Custo Efetivo Total (CET): 14,80% a.a.. Plano de financiamento oferecido pela BMW Financeira. Sujeito à aprovação de crédito. Modalidade CDC - Pessoa Física. Tarifa de Cadastro (R$ 950,00), tarifa do DETRAN/SP (R$ 157,71) e IOF estão inclusos nas parcelas e no CET. Condições válidas de 01/09/2019 a 30/09/2019 ou até o término do estoque de 2 unidades. Garantia de recompra pela concessionária responsável pela venda por no mínimo 50% do valor da nota fiscal do veículo desde que atendidas todas as exigências contratualmente previstas. Ouvidoria Corporativa BMW SF: 0800 772 2369. Atendimento ao Cliente BMW SF: 0800 019 9797


. No Trânsito, dê sentido à vida

São Paulo Showroom Tatuapé Av. Airton Pretini, 10 (11) 2090-8888

São Paulo Showroom Anália Franco Rua Serra do Japi, 1.345 (11) 2076-4400

São Paulo Showroom Perdizes Av. Sumaré, 810 (11) 3868-5577

São José dos Campos Showroom Jardim Alvorada R. Carlos Maria Auricchio, 205 (12) 3928-8888

www.ostenbmw.com.br @bmwosten

BMW OSTEN


24 Revista

AÇÃO DOS MUSGOS E LÍQUENES

Fotos: Fontpress e Pixabay

Por Roberto Barretto Dias Filho*


Seção Verde 25

Um dos questionamentos mais frequentes e que mais causam discussão nas visitas técnicas se refere à ocorrência de musgos e líquenes sobre o tronco das plantas. Como sabemos, é grande a presença de líquenes nas árvores, sobretudo nas palmeiras da Fazenda Boa Vista. Nesse sentido, vêm logo as primeiras perguntas: trata-se de um processo natural? Há prejuízos às árvores? Muitas pessoas confundem esses organismos com parasitas e doenças. De fato, ao observar as plantas com alguma debilidade, nos deparamos, muitas vezes, com troncos infestados por musgos e líquenes, o que não ocorre, com frequência, em plantas sadias e com maior vigor. Existe um motivo para isto: as doentes e com poucas folhas têm maior incidência de luz e os galhos, fracos e em processo de apodrecimento, são mais permeáveis. Portanto, são propícios à fixação destes organismos. Mas, afinal de contas, o que são musgos e líquenes? Os musgos são plantas extremamente primitivas. Já os líquenes são uma associação entre algas e fungos – eles não são classificados como plantas. Ambos necessitam da luz do sol e de um ambiente com bastante umidade. Normalmente, quanto mais úmido for o ambiente, maior a quantidade de musgos e líquenes sobre as plantas, solo e rochas.


26

Revista


Seção Verde 27

POR DENTRO DAS ESPÉCIES Os musgos e líquenes tendem a se desenvolver nas faces menos expostas à luz direta do sol. Em latitudes mais altas, mais próximas aos polos, a presença de líquenes nos troncos ocorre sempre ao Norte ou ao Sul, dependendo do hemisfério onde está a planta, e, por isso, a espécie pode ser utilizada como uma forma de nos orientarmos durante uma caminhada. Os líquenes, em especial, são organismos multicoloridos, com uma infinidade de formas e bastante chamativos. Possuem desde cores pastéis a um vermelho intenso, amarelo vivo, branco e até mesmo preto. Já foram catalogadas mais de 20 mil espécies de líquenes no mundo todo. Eles costumam se aderir com força a superfícies, o que faz com que seja praticamente impossível retirá-los de troncos sem causar algum tipo de dano significativo. Algumas vezes, são utilizados produtos à base de cobre ou zinco nessa tarefa, o que pode até conseguir eliminar algumas espécies de líquenes. Para a total limpeza das superfícies, seriam necessárias diversas aplicações e, mesmo assim, os troncos das plantas ficariam manchados pelos produtos por um período demasiadamente longo, até que fosse possível eliminar os líquenes.


28 Revista

Seção Verde

Outro risco é relativo à sensibilidade que algumas plantas têm a estes produtos. Eles podem, por exemplo, provocar queimaduras bastante significativas e até mesmo a morte de algumas espécies - como, por exemplo, a de algumas orquídeas, como as Vandas. É comum que algas e musgos se desenvolvam em suas raízes, deixando, às vezes, as folhas e boa parte do sistema radicular completamente cobertos por algas e líquenes. As Vandas são sensíveis a produtos a base de cobre e chegam a morrer, dependendo da dose aplicada. Os líquenes são classificados de acordo com o local onde se fixam. Um dos grupos é o das Cortícolas, que aderem ao tronco das árvores e das palmeiras. O das Saxícolas adere a rochas e ao concreto. As Terrícolas se desenvolvem sobre o solo. As Musícolas sobrevivem em associação a musgos. Já as Folícolas se fixam sobre as folhas das plantas e são das mais complicadas para remoção, e também as que mais incomodam as pessoas quando atacam as plantas. Folícolas podem também requerer pulverizações constantes com produtos à base de cobre e zinco, alternados à aplicação de detergentes para acelerar a eliminação destes organismos do limbo foliar e, desta forma, conferir um aspecto mais agradável à planta. Ao afetar as folhas, esses produtos tendem a impedir parcialmente a fotossíntese do hospedeiro no qual se apoiam e podem de fato, neste caso, prejudicar as plantas, ocasionando seu definhamento pela falta de luz.


30

Seção Verde

Revista

Plantas fracas, com poucas folhas ou incidência insuficiente de luz, ficam frágeis e tendem a morrer. De modo geral, as espécies têm um controle sofisticado de toda a energia que as folhas conseguem captar e reverter em açúcares durante a fotossíntese. Se algum ramo ou folha não consegue “fabricar” carboidratos (açúcares) para se sustentar, é eliminado pela planta. Portanto, em condições normais, as folhas com líquenes e musgos são descartadas naturalmente. Faz-se, assim, uma autolimpeza, pode-se dizer. Os líquenes e musgos têm uma resistência limitada à incidência dos raios ultravioleta provenientes do sol. Grande parte das Cortícolas não são capazes de resistir à incidência direta do sol e secam. Exatamente por esse motivo é que os líquenes e musgos se acumulam nas regiões com menor incidência direta do sol, como citado acima. Na maioria das vezes, o que causa o problema de desenvolvimento excessivo de líquenes sobre a planta é a falta de luz no local de cultivo. Ou seja, se o local estivesse adequadamente iluminado, o problema simplesmente não existiria. Mas, como somos extremamente eficientes em exigir das plantas um comportamento para o qual elas não estão adaptadas, este tipo de problema tende a ser recorrente e, em muitos casos, insolúvel sem qualquer tipo de intervenção artificial. *Roberto Barretto Dias Filho é engenheiro agrônomo consultor da Fazenda Boa Vista. É diretor da Barretto Consultoria Agronômica & Paisagismo junto com a paisagista Agnes Barretto Dias.

Barretto – Consultoria Agronômica & Paisagismo (19) 3802.1793 | (19) 98122.7995 | www.barrettocap.com.br


Informe Publicitário

32 Revista

DESIGN E CONFORTO Fotos : Divulgação/ Renato Navarro

Maurício Karam Arquitetura completa 15 anos em 2019 com mais de 300 projetos no Brasil e no exterior

O arquiteto Maurício Karam e sua equipe de seis profissionais seguem um método de trabalho próprio antes de começar uma obra. Primeiro, é feito o que chamam de “mapeamento de gostos” do cliente. Ou seja, os profissionais efetuam uma apuração detalhada de suas necessidades, anseios, sonhos e referências. Depois, seguem o conceito e o estudo preliminar. Em seguida, preparam os projetos técnicos. “Fiscalizamos permanentemente a execução, o que confere ao projeto e ao cliente fidelidade ao plano original”, explica Karam. Presente no mercado desde 2004, a Maurício Karam Arquitetura completa 15 anos em 2019. O portfólio do escritório soma mais de 300 projetos em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Florianópolis. No exterior, a empresa assina obras em Angola, Portugal, Chile e Canadá. Segundo Karam, cenários sofisticados são sempre bem-vindos e vale apostar na combinação de cores como ponto central. “Prefiro uma arquitetura de fundo simples e monocromático para ousar na decoração.” No setor íntimo, a ideia é a mesma, com uma ressalva: “Menos ousadia e mais conforto, com menos contrastes.” Na parte de revestimentos, ele conta que aprecia o uso de madeira e pedras naturais. “Mas é impossível, hoje, não utilizar os materiais sintéticos, como cerâmicas e quartzos. Estão cada vez mais bonitos, resistentes e baratos.” O profissional finaliza reforçando a máxima do escritório: garantir bem-estar ao cliente, aliado a seus sonhos e necessidades. “Projetar é transformar o sonho do indivíduo em realidade. Ver um espaço que desenhamos usado e elogiado por nossos clientes é resultado de um bom trabalho e objetivo alcançado.”


Foto: julia ribeiro

Informe Publicitário

Arquitetura e Decoração 33

Maurício Karam Arquitetura www.mauriciokaram.com.br mauricio@mauriciokaram.com.br (11) 3073-0634 @mauriciokaramarquitetura Rua Tabapuã, 41, conjunto 71 Itaim Bibi, São Paulo - SP

FORNECEDORES DO PROJETO Home Cinema | Casa de Cinema Brasil – 0800.7777644 | www.casadecinemabrasil.com.br | Móveis e Objetos | Christie Móveis e Objetos – (11) 5575.1857 | www.christiemoveis.com.br | Tapetes e Decoração | Hariz Tapetes – (11) 5053.7700 | www.hariztapetes.com.br | Vidros, Caixilhos e Metais em Geral | Vidro Laser – (11) 3751.3709 | www.vidrolaser.com.br


Fotos: Mariane Melo/Fontpress

34 34 Revista


Golfe Clube 35

APRENDER SEMPRE Realizado em 17 de agosto, no campo Randall, PRO-AM favorece troca de experiĂŞncias entre profissionais e amadores


36

Revista

Boas ideias não faltam ao Fazenda Boa Vista Clube de Golfe (FBVCG) para criar atividades que possibilitem aos sócios se aprimorarem como jogadores e, assim, terem ainda mais prazer com o esporte. Foi o caso do Torneio PRO-AM, realizado na manhã de 17 de agosto (sábado), no Campo Randall. Damas e cavalheiros amadores - sócios do FBVCG e seus convidados - puderam jogar com profissionais experientes e aprender com eles uma série de dicas, macetes, táticas e técnicas preciosas. O evento foi um sucesso. Os grupos foram formados por um profissional e três sócios e/ou convidados, todos amadores, divididos em duas modalidades: best ball dos amadores, mais bola do profissional (em stroke play 100% do HCP) e score individual do profissional. Os profissionais ficaram com o tee azul; os atletas amadores, partiram do branco; os sêniores, do tee verde; e, as damas, do vermelho. No lado dos profissionais estava Odair Ferreira de Lima, mais conhecido como Cazuza, como convidado. Ele adorou participar do torneio e ter tido contato com os sócios, todos, segundo ele, bastante gentis e abertos a receberem orientações e dicas. “Sempre é importante participar do PRO-AM na Fazenda”, diz ele, que fez parte da equipe do sócio Ricardo Scavazza. “O evento foi excelente, o campo da Fazenda Boa Vista é muito desafiador até mesmo para quem é profissional. É um lugar que está sempre em perfeitas condições de se jogar”, avalia. Segundo Lima, a competição se mostrou muito bem organizada, com a presença de golfistas de bom nível técnico.

Golfe Clube


38

Revista


Golfe Clube 39

GOLFISTAS DEDICADOS Jogador convidado na categoria amador, Oscar Antonio Fontoura Becker, de 67 anos, tem handicap 12 e pratica golfe há nada menos do que 60 anos. “Jogar um PRO-AM é muito gostoso pois você tem a oportunidade de ter contato com profissionais competentes que apresentam um jogo muito superior e de grande qualidade”, observa. Assim, completa o esportista, sempre se aprende alguma coisa nova nesse formato de competição. A oportunidade de jogar na Fazenda Boa Vista, afirma Becker, foi muito especial. “Principalmente pela qualidade técnica do campo e a beleza do visual ao redor.” O cenário, assim, contribuiu bastante para o melhor resultado possível. Tudo isso denota, para ele, um cuidado acima da média pelo espaço e pela prática do golfe no residencial. “Por se tratar de um lugar para a realização de grandes campeonatos, a qualidade e as dificuldades que encontramos permitem que os amadores se divirtam e possam terminar felizes por participarem de um torneio deste porte.” Após os jogos e muita troca de experiências, os presentes participaram da cerimônia de premiação, com direito a entrega de troféus e muita confraternização no Golf Club House.


40

Revista


Golfe Clube 41


42

Revista


Golfe Clube 43


44

Revista

Golfe Clube

RESULTADOS - PRO-AM FBVCG 2019 INDIVIDUAL

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18

NOME

1°V

2°V

TOTAL

CAZUZA RONALDO FRANCISCO RUBERLEI FELIZARDO RODRIGO LEE PABLO DELA RUA PABLO DELA RUA ADRIEL MARQUES HERIK MACHADO HELIO CACIMIRO MARCOS SILVA PEDRO NAGAYAMA GIORDANO JUNQUEIRA ANTONIO PEREIRA CARLOS DLULOSH RAFAEL BARCELLOS LUIZ MENEZES MIGUEL CAVALIERI STEVEN BERGHER

33 35 35 36 36 34 33 38 36 37 41 39 36 39 38 42 43 44

34 34 35 36 37 39 40 37 39 39 36 38 41 40 41 42 42 44

67 69 70 72 73 73 73 75 75 76 77 77 77 79 79 84 85 88

EQUIPES NOME PRO

NOME

NOME

NOME

TOTAL

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16

RUBERLEI FELIZARDO RAFAEL BECKER CAZUZA RONALDO FRANCISCO RODRIGO LEE PABLO DELA RUA GIORDANO JUNQUEIRA HELIO CACIMIRO MARCOS SILVA HERIK MACHADO RAFAEL BARCELLOS PEDRO NAGAYAMA ANTONIO PEREIRA ADRIEL MARQUES CARLOS DLULOSH STEVEN BHERGUER

WAGNER REZENDE RUBENS NAVES RICARDO SCAVAZZA RICARDO SCALAMANDRÉ ANDRÉ PARK RENATO GIUSTI MARIO ROMANCINI NELSON BIONDI IK KYOON AHN JUBA JULIAN FELIPE GUERRA ANTONIO YUNES EDSÁ SAMPAIO RENATO DANTAS P. ROTHSCHILD RICARDO CAMPOS

ADRIANO MARCHETTO ANDRÉ IASI RUBENS ZOGBI GUGA VALENTE ANDRÉ AHN ALEXANDRE THUMLERT ALEJANDRO ORTIZ FERNANDO J. DA COSTA CHONG KOO KIM ANDRÉ FERREIRA TIAGO PESSOA MARCELO SEMEONE FERNANDO BARRETO MONICA DANTAS JOÃO SANTANA GUSTAVO PESSOA

EDUARDO SIMÕES OSCAR BECKER CLAUDIO RODRIGUES VAVA LERRO VITOR AHN DECIO MORAES FERNANDO ZILLO PEDRO ASSUMPÇÃO SUNG KIM JONATHAN O DAY DUDU AZEVEDO CARLITO FONSECA TINHO AZAMBUJA DUDU LARA VILLELA DA MATTA RUBENS BARRICHELLO

-11 -10 -10 -8 -7 -5 -5 -3 -2 -2 -2 2 2 2 5 6

17 18

MIGUEL CAVALIERI LUIZ MENEZES

LUIZ LUCIO EUCLIDES RIBEIRO

FERNANDO FERNANDES ANDRÉ DRATOVISK

FABIO NEGRÃO CRISTIANO LEITE

7 8


46 Revista

AMIGOS DO GOLFE Realizada em 3 de agosto, no Fazenda Boa Vista Clube de Golfe, Taça do Capitão repete sucesso das quatro edições anteriores


Fotos: Mariane Melo/ Fontpress

Golfe Clube 47

A cada ano, quando estabelece um novo desafio entre golfistas da Fazenda Boa Vista e seus convidados, a disputada Taça do Capitão reafirma sua força como evento de congraçamento e indica a evolução dos praticantes do esporte no residencial. A quinta edição do descontraído torneio foi realizada no Campo Palmer do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe (FBVCG), ao longo do dia 3 de agosto. O shot gun da disputa, tanto para homens quanto para mulheres, foi dado pontualmente às 9h da manhã, com nada menos do que 38 participantes. A competição foi realizada em 18 buracos, na modalidade stableford – 100% HCP, nas categorias femininas e masculinas de todas as idades. O tee azul ficou para a categoria A (HCP de 0 a 15 anos); o amarelo, para a categoria B (HCP de 16 a 36 anos); o tee branco foi para jogadores acima de 55 anos; já o tee vermelho, para acategoria feminina. As premiações foram dadas aos dois primeiros colocados de cada grupo. Quem participou, ao final, destacou que as disputas aconteceram em alto nível. Curiosamente, o campeão na categoria azul, Guilherme Lopes, é o capitão do clube. Foi, portanto, uma alegria em dobro. Lopes observa que todos os eventos de golfe da Fazenda Boa Vista, além da importância que têm para os associados golfistas, são oportunidades para confraterinzar com os demais sócios, conhecer pessoas, fazer amizades ou ampliá-las. “Isso é muito importante para o residencial”, destaca. Como os torneios são em shot gun, o capitão explica que todos saíram no mesmo horário e terminaram juntos, o que favoreceu o congraçamento entre participantes ao término do jogo.


48

Revista

Golfe Clube

DESAFIO MAIOR O torneio foi bastante desafiador este ano, na opinião do capitão. “O tempo estava fechado, com muito vento e, também, por ter acontecido no Campo Palmer, tornou-se um embate ainda maior”, recorda. “A nossa categoria, a azul, jogou em buracos mais desafiadores, o que tornou tudo ainda mais envolvente.” Antonio Mario Yunes conta que foi um grande prazer participar do torneio e, melhor ainda, ter vencido em uma das categorias, a amarela. “É um evento anual, muito aguardado e com a presença de quase todos os sócios do FBVCG”, diz. “A organização foi impecável. Gostaria de parabenizar a todos os envolvidos e dizer que foi grande a satisfação de ter participado e conquistado um troféu.”


TRATAMENTO DE VARIZES A LASER

RESPONSÁVEL TÉCNICO: PROF. DR. KASUO MIYAKE - CRM: 68778

Prêmio IAPACE - Criação de técnica mundialmente conhecida para tratamento em Flebologia Estética. CLaCS. 2018. Prêmio SBLMC - 1º Estudo do mundo sobre Realidade Aumentada no Diagnóstico e Tratamento Médico, e o Score 9-1. 2018.

@CLINICAMIYAKE •

VARIZES.MED.BR •

+55 11 998122 9111


50 Revista


Golfe Clube 51

RESULTADOS - 5ª TAÇA DO CAPITÃO FBVCG CAT 0 A 15 INDEX

HCP

1O V

2O V

TOTAL

1

GUI LOPES

9

16

18

34

2

RUBENS NAVES

17

18

16

34

3

RICK LISBOA

15

16

17

33

4

FERNANDO BARRETO

15

18

14

32

5

ANDRÉ IASI

13

14

17

31

6

PHILIPPE ROTHSCHILD

10

17

13

30

7

RICARDO SCAVAZZA

13

12

16

28

8

RUBENS NAVES

11

12

16

28

9

MARIO ROMANCINI

14

14

10

24

15

10

11

21

10 VITOR PIMENTA JR


52

Revista

Golfe Clube

CAT 15.1 ACIMA

HCP

1O V

2O V

TOTAL

1

ANTONIO YUNES

18

25

18

43

2

GUSTAVO PESSOA

31

17

21

38

3

TINHO AZAMBUJA

18

19

17

36

4

RICARDO LUTFALLA

23

16

19

35

5

EUCLIDES RIBEIRO

26

23

12

35

6

VITOR GARCIA

21

15

17

32

7

WAGNER REZENDE

26

18

14

32

8

NELSON BIONDI

23

17

14

31

9

ALFREDO KHOURI

20

18

13

31

10 GUI REZENDE

20

18

13

31

11

ALEJANDRO ORTIZ

17

14

16

30

12

EDSÁ SAMPAIO

21

11

18

29

13

LEO HADDAD

23

15

14

29

14

PIL SHU

15

13

15

28

15

ERNESTO MALDONADO

20

15

13

28

16

VILLELA DA MATTA

18

18

10

28

17

ALFREDO KHOURI

36

14

13

27

18

ANDRÉ MACHADO

15

14

12

26

19

ZE PAULO CURY

18

17

9

26

20

JOÃO SANTANA

22

11

13

24

21

FERNADO CARVALHO

24

8

15

23

22

RENATO GIUSTI

23

9

14

23

23

DALVE ORTOLANI

22

12

10

22

24

CRIS LEITE

28

14

7

21

25

RENATO ARRUDA

5

10

11

21

26

CLAUDIO BERGAMO

23

12

9

21

27

TIAGO PESSOA

22

11

8

19

28

RODNEI RISCALI

25

5

8

13


Revista

Golfe Clube

VENHA PRO CAMPO! Fique por dentro das competições do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe

OUTUBRO 26 (sábado) - 1º Desafio de Equipes Boa Vista Campo Palmer Modalidade: Matchplay de duplas (Best Ball) e Matchplay individual.

NOVEMBRO 15 e 16 (sexta e sábado) - 2º RYDERCUP BV Campos Palmer (sexta-feira) e Randall (sábado) 30 (sábado) – 9ª Taça Boa Vista e Field Day Campo Randall

Foto: Mariane Melo/ Fontpress

54


Tem coisas que a gente só valoriza quando não tem. A água com certeza é uma delas. Um poço artesiano oferece inúmeros benefícios para você: água pura, economia, praticidade, segurança, entre outros. Entre em contato com a Jundsondas e tenha a melhor água do mundo, afinal de contas, são quase 50 anos de liderança em poços artesianos.

jundsondas.com.br

11 4583 8700


Revista

Golfe Clube

Foto: Mariane Melo/ Fontpress

56

O BOM JOGADOR: DRIVING RANGE Por Pio Pastore Starter do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe

O Driving Range é a área onde os golfistas praticam seu swing de golfe – o movimento de rotação que permite ao jogador golpear a bola. Pode ser ainda uma atividade recreativa para amadores ou quando não há tempo suficiente para um jogo completo. Porém, existem regras para sua utilização. Em primeiro lugar, no caso do Fazenda Boa Vista Clube de Golfe (FBVCG), quem pode utilizar esse espaço são os sócios, seus convidados, hóspedes do Hotel Fasano que tenham feito a opção pelo green fee e os alunos dos professores, com limite de 12 meses para tornarem-se sócios do FBVCG. O Clube de Golfe não empresta mais tacos nem suporte de taqueiras. Por uma questão de segurança, crianças que não estejam jogando deverão manter distância mínima de quatro metros das baias de prática, além de estarem acompanhadas dos pais, que ficam responsáveis pelo bom comportamento das mesmas, em especial com relação ao barulho. Outro ponto importante é que as aulas deverão ser ministradas na última baia no final do Driving Range, que está reservada para isso.

O QUE VESTIR? O dress code do golfe também é obrigatório no Driving Range: os homens devem vestir camisa polo para dentro da calça ou da bermuda, cinto e calçado específico para a prática de golfe. Não é permitido trajar camiseta, calça jeans, calça ou bermuda cargo (aquelas com bolso lateral), roupas de ginástica e chinelo. Bom jogo!


Porta Veneziana de giro em alumínio – cor especial

O s Det alh es fazem toda a diferen ça.

Janela Veneziana de giro em alumínio – cor especial

Janela Veneziana de giro em alumínio – cor especial

www.viametal.com.br tel: +55 19 3269 8181


Informe Publicitário

Foto: Divulgação/BRC Arquitetura

58 Revista

NOVOS ARES Fundado pelo Arquiteto Bruno Botelho, BRC Arquitetura integra a nova geração da Alta Arquitetura Brasileira


Informe Publicitário

Arquitetura e Decoração 59

Foto: Divulgação/Mariana Paiva

O escritório BRC Arquitetura investe em um conceito contemporâneo de arquitetura brasileira, em que uma de suas marcas é a apropriação do legado deixado pelo movimento da arquitetura moderna, em diálogo com as características econômicas e culturais apresentadas atualmente, em cada região do país. “Nossa proposta é a utilização de materiais de baixo impacto ambiental em construção, em harmonia com a natureza local”, explica o arquiteto e urbanista Bruno Botelho, fundador da BRC Arquitetura. Para isso, adota em abundância elementos como a luminosidade e ventilação naturais, por meio de grandes aberturas em espaços amplos e integrados, que apresentam um conceito verdadeiro de sustentabilidade íntimo. Com isso, chega-se à uma concepção de programas de fluidez poética, onde o que importa, de fato, é o prazeroso diálogo entre os moradores e o espaço, com as características de um ou de todos, de modo sutil, radical, leve ou denso, sem deixar de ser mágico. A BRC Arquitetura está localizada no Vale do Paraíba, interior de São Paulo. Em menos de dez anos de atividades, Botelho e sua equipe de colaboradores e parceiros chegaram a um portfólio respeitável de projetos espalhados pelos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina. O time segue buscando ampliar seu legado a outras localidades - nacionais e internacionais - e inclui os arquitetos Mariana Paiva, Leticia Oliveira, Luísa Piva e Nicolas Palacios. “Nosso objetivo não é somente transformar os espaços, mas criar espaços que, por fim, nos transformam”, resume Bruno Botelho.

BRC Arquitetura Arquiteto Bruno C. Botelho

brcarquitetura.com 12 98134-3625 | 12 98303-0683 bruno@brcarquitetura.com | mariana@brcarquitetura.com @brcarquitetura

FORNECEDORES - BRC ARQUITETURA Boutique de Pisos e Revestimentos, Louças e Metais | Pizzoti Design - (12) 99612.5654 (Noemi Pizzotti) | @Pizzottidesign - www.pizzottidesign.com.br Iluminação | Studio S Iluminação - (12)3426.0686 | contato@studiosiluminacao.com.br | @studiosiluminacao - www.studiosiluminacao.com.br Móveis | Casa da Fazenda Home Design - (19) 3329.0030 e (19) 99701.7916 (WhatsApp) | atendimento@casadafazendamoveis.com.br | Casa da Fazenda Home Design - @cfhomedesign - www.casadafazendahomedesign.com.br | Móveis Planejados | Florense Sorocaba - (15) 3233.9000 e (15) 99789.5410 | florense@florensesorocaba.com.br | @florensesorocabasp - www.florense.com.br


60 Revista

CRAQUES DO CORAÇÃO

Fotos: Divulgação JHSF/Rodrigo Zorzi

JHSF Caioba Soccer Camp proporciona experiência esportiva única a pais e filhos, ao lado de grandes craques do futebol brasileiro

Celebrar o Dia dos Pais jogando futebol com grandes craques brasileiros é algo mesmo inesquecível. A experiência foi desfrutada pelos associados da Fazenda Boa Vista nos dias 3 e 4 de agosto, durante a primeira edição do JHSF Caioba Soccer Camp, realizado no Complexo Esportivo. O evento proporcionou uma vivência esportiva única, que incluiu estar em campo e trocar passes com Caio Ribeiro, Kaká, Elano e Fábio Luciano. Participaram, nos dois dias de atividades, nada menos do que 120 crianças de cinco a doze anos, acompanhadas de seus pais. A garotada recebeu com festa os ídolos da bola, com direito a muita tietagem, selfies e autógrafos. Organizado pelo comentarista de futebol Caio Ribeiro e pelos sócios Tico Sahyoun e Antonio El Khouri, o Caioba Soccer Camp é uma plataforma interativa que celebra, em evento físico, a experiência de desfrutar de agradáveis momentos ao lado dos ídolos.


Social 61


62 Revista


Social 63

MEIO DE TRANSFORMAÇÃO No primeiro dia, os participantes mirins puderam treinar com os craques e ouvir suas dicas e ensinamentos não apenas ligados ao esporte, mas para a vida. Já no domingo (Dia dos Pais), os papais tiveram a chance de participar de uma partida entre profissionais e amadores. Em cada edição do Caioba Soccer Camp são convidados diferentes exjogadores, inclusive estrangeiros que vivem no Brasil. O projeto tem por objetivo promover a transformação social por meio do esporte. O foco não é fazer de meninos e meninas grandes jogadores de futebol, mas estimular, em cada um deles, a amizade e o amor pelo esporte. Mais importante do que ganhar, é participar, competir e se divertir. Segundo o craque Kaká, além do objetivo de ensinar futebol, ele e seus companheiros marcaram presença no evento para, por meio do esporte, ajudarem a formar cidadãos pautados em valores como solidariedade e respeito.


64 Revista

Social


66 Revista


Social 67


68 Revista

Social


COMÉRCIO E PRODUÇÃO DE PLANTAS ORNAMENTAIS E FRUTÍFERAS PROJETO E EXECUÇÃO DE PAISAGISMO

VENDAS Rodovia Castelo Branco Km 56 | Araçariguama -SP | 11 41363120 / 11 999424247 Ceagesp box 31 e 32 A - coluna 60


70 Revista


Social 71


* Desconto promocional aplicado sobre as condições comerciais 2019 expostas em nossas lojas.

Móveis e Decorações – Rústico Chique, Exteriores e Contemporânea

Rústico Chique: R. Luiz Scavone 685, Jd de Lucca, Itatiba/SP - 11 - 4534-4202 Exteriores: R. Luiz Scavone 711, Jd de Lucca, Itatiba/SP - 11 - 4538-5455 Contemporânea: R. Luiz Scavone 707, Jd de Lucca, Itatiba/SP - 11 - 4534-0010


DESDE 1994 DECORANDO

CASAS DE CAMPO DE ALTO PADRÃO

(traga seu arquiteto e ganhe + 5% de desconto.*)

www.silvanacecilio.com.br @silvanacecilio1 - desde 1994 -


74 Revista

OLHAR APURADO

Fotos: Divulgação/JF Gestão de Conteúdo

Oficina de Fotografia ensina os associados a usarem as câmeras de seus celulares para tirar melhores fotos, tratar e finalizar imagens

Às vezes, o usuário não tem noção do potencial tecnológico disponível em suas mãos. Em parte, por causa da velocidade com que tudo é aprimorado. É o caso dos celulares de última geração. Todos sabem de suas funções básicas, como rapidez de acesso, gravação de áudios e videos e utilização da câmera. Mas desconhece, no último ponto - o da fotografia -, até onde pode ir quando deixa fluir a imaginação. É algo tão poderoso que, há algum tempo, são realizados até festivais de cinema com filmes de altíssima resolução feitos por celulares. Para despertar este lado mais criativo dos proprietários, a Associação Fazenda Boa Vista realizou, no dia 28 de setembro, das 9h às 12h30, na Sede Hípica, a Oficina Técnica de Fotografia com Celular, ministrada pelos especialistas em mídia digital Marcel Mucci e Juliana Ferraz, da empresa JF Gestão de Conteúdo. Foi um sucesso, todas as participantes adoraram – sim, por coincidência, somente mulheres se inscreveram no curso. As alunas puderam aprender conceitos básicos de fotografia e de câmera de celular, além de conhecer diferentes enquadramentos, ajustes de foco, cores, iluminação, narrativa, tratamento de imagens, pós-produção e utilização de aplicativos para finalização.


Social 75

TEORIA E PRÁTICA Após a aula teórica, as alunas colocaram em prática o que aprenderam em exercícios acompanhados pelos professores nas proximidades da Sede Hípica. E puderam aproveitar bem o belo cenário e contrastes de árvores com o solo, do marrom com o verde, de texturas, entre outros efeitos. Ao final, a turma pediu mais aulas, com temas focados, uma vez que a primeira oficina funcionou mais como introdução ao tema, mesmo com a parte de exercícios. “Percebemos que os participantes buscaram principalmente meios de aprimoramento profissional para aplicar o aprendizado no trabalho e no dia a dia, divulgando mais e melhor o que fazem nas redes sociais”, avalia Juliana Ferraz. Ela comenta que duas das alunas trabalhavam com gastronomia e queriam saber como registrar melhor os pratos e os doces, de modo a causar mais impacto em suas divulgações.


76 Revista

Social

RECURSOS ILIMITADOS A associada Sueli Franco Rodrigues adorou a aula. “Para mim, foi uma experiência sensacional, eu não tinha conhecimento do quanto poderia aproveitar os recursos de um celular.” Como a maioria das pessoas, ela apenas fazia fotos rotineiras, sem se preocupar com detalhes, como angulações, cores e o que poderia fazer depois, na edição. “Os aplicativos que os professores sugeriram também são bem legais e serão bem aproveitados”, acrescenta. Não foi diferente para Simone Villas Boas de Carvalho Brito. Ela procurou aproveitar ao máximo todas as dicas e macetes dados pelos instrutores. E pretende fazer bom uso de tudo. “Para mim, será superútil, porque me ajudou a entender as funções de luminosidade, velocidade, e como fazer para compor melhor uma foto.” De agora em diante, tudo será diferente para ela na hora de registrar um momento especial com seu celular. Aprendeu também que é preciso buscar equipamentos apropriados. “Eu percebi que a gente precisa de uma câmera boa, o modelo de celular faz toda a diferença.” A proprietária Fernanda Morato também achou a oficina muito bacana e de utilidade profissional para ela também, que trabalha com imagens e espaço o tempo todo. “Creio que tenho um olhar mais apurado por ser arquiteta, mas me faltavam estas dicas técnicas, de seguir regras para chegar a um resultado melhor.” Tudo, portanto, será um pouco diferente a partir da oficina. “Algumas coisas eu fazia de maneira espontânea, mas, agora, por saber exatamente quais recursos usar, vou conseguir fazer a coisa certa e melhor”, concluiu.


Fotos: Divulgação/Armazém Boa Vista

Informe Publicitário

É TEMPO DE BRINDAR! Mais de cem rótulos dos melhores vinhos do mundo estão disponíveis na adega do Armazém Boa Vista Que tal celebrar as festas de fim de ano em grande estilo? A dica é investir na seleção única e saborosa de vinhos americanos.

Os enólogos de plantão vão adorar esta novidade! O Armazém oferece aos clientes os melhores vinhos na versão de 750 ml, Magnum e Double. Experimente!

Para as comemorações especiais com amigos e familiares, as apostas são os conhaques, charutos cubanos e acessórios Cohiba.

Funcionamento: quartas-feiras, das 10h30 às 17h30, quintas-feiras, das 9h às 18h, sextas-feiras, das 9h às 19h, sábados, das 9h às 19h, e domingos, das 9h às 17h.

Seja tinto, rosé ou branco, os melhores acompanhamentos para os vinhos são os saborosos queijos selecionados pelo Armazém.

Encomendas, com delivery nas residências, por telefone e WhatsApp (15 99800.5445). Para enviar sugestões e esclarecer dúvidas, escreva para sac@armazembv.com.br.


Fotos: Divulgação/JF Gestão de Conteúdo

78 Revista

CÃES ACROBATAS Fábio Stevanovich encanta crianças e adultos da Fazenda com seus animais adestrados, em show repleto de fofura e diversão Há mais de 28 anos, o adestrador Fábio Stevanovich, do Circo Tradição, encanta crianças e adultos com espetáculos envolvendo cães treinados de várias raças. Não foi diferente no Show de Cães Adestrados que a Associação Fazenda Boa Vista promoveu no dia 10 de agosto, das 10h30 às 12h, no Cachorródromo do residencial - perto da Fazendinha. Dezenas de meninos e meninas de todas as idades vibraram com as peripécias mostradas por cães de várias raças, como Husky Canadense, Poodle Gigante, Fox Paulistinha, Chow-Chow, Dálmata, Lulu da Pomerânia, Border Colie e Poodle. Na abertura da atração, um malabarista realizou performances com bolas, clavas, aros e chapéus. Em seguida, começaram a entrar os cachorrinhos, cheios de elegância e jinga. No decorrer da apresentação, todo mundo ficou impressionado com o desempenho dos pets. Teve de tudo: bichinho saltando barreiras, andando de patinete, pulando dentro de aros e outros obstáculos e equilibrando-se sobre um cilindro. Saiu tudo perfeito, do primeiro ao último número.


Social 79

Os poodles foram uma atração à parte, com desfile de fantasias de Batman, Minnie, entre outros adereços. “Nossos cães realizam acrobacias de acordo com a característica de cada raça”, observa Fábio. O Border Colie, considerada raça número um em inteligência, por exemplo, fez um miniagility com velocidade e destreza, e levou o público ao delírio. Já o Chow-Chow executou acrobacias que não necessitavam que o cão pulasse, por ser uma raça de peso considerável – desse modo, o treinador protege suas articulações. Ao final do show, todos puderam interagir com os animais, dóceis e bastante amigáveis, acompanhados de seu carismático adestrador. “Faço meu trabalho com amor porque gosto de animais e de crianças e agradeço por poder levar alegria às famílias”, conclui Fábio.


80

Revista

Informe Publicitário

PARCERIA DURADOURA Melhores empresas do mercado de arquitetura e decoração personalizam os projetos assinados pelo escritório Maurício Karam Arquitetura

Fotos: Divulgação/ Renato Navarro

Um dos diferenciais da Maurício Karam Arquitetura é a seleção dos melhores fornecedores na criação e acabamento de um projeto. São parceiros de longa data, o que garante excelência e confiabilidade ao cliente em todas as fases da obra – do projeto à entrega das chaves. “Com isso, chegamos o mais próximo possível de algo que tenha a cara do proprietário”, diz ele. No desenvolvimento de residências personalizadas, a equipe do arquiteto busca quem tem produtos diferenciados, de qualidade e que unam estética e custo-benefício. Assim, o escritório investe em automação para deixar os ambientes inteligentes e funcionais. A decoração inclui obras de arte e fotografias para conferir identidade aos espaços, além de louças, metais e móveis confortáveis que valorizam as áreas.


Arquitetura e Decoração 81

Foto: julia ribeiro

Foto: Divulgação/Raphael Briest

Informe Publicitário

Maurício Karam Arquitetura www.mauriciokaram.com.br mauricio@mauriciokaram.com.br (11) 3073-0634 @mauriciokaramarquitetura Rua Tabapuã, 41, conjunto 71 Itaim Bibi, São Paulo - SP

FORNECEDORES - MAURÍCIO KARAM ARQUITETURA Artista Plástica e Fotógrafa | Atelier Fernanda Naman – (11) 98104.1177 | www.fernandanaman.com.br | Automação, Áudio e Video | Troiano’s It’s your World – (11) 5090.1222 | www.troianos.com.br | Decoração | Empório Beraldin – (11) 3085.1772 | www.emporioberaldin.com.br | Decorações de Interiores e Exteriores | PJ DECOR – (11) 99642.1223 | www.pjdecor.com.br | Revestimentos, Louças e Metais | Soluzione Revestimentos - (11) 3846.4957 | www soluzionerevestimentos. com.br | Tapetes e Carpetes Nacionais e Importados | Clatt Tapete e Carpete – (11) 3891.0638 | www.clatt.com.br


84 Revista

Social

BEZERROS FOFOS

Crianças adoram filhotes. E toda vez que tem alguma novidade entre os animais na Fazendinha é grande o número de visitantes mirins que correm para lá – acompanhados dos adultos, que também gostam de ter contato com os bichos recém-nascidos. E se ver um é bom, o que dizer quando são dois? Dessa vez, são bezerrinhos. Ambos machos. Maguila e Zuma chegaram para fazer parte da família animal do amenitie, é um dos preferidos dos pequenos, que ficam encantados ao ter um contato tão direto com a natureza. Maguila nasceu no fim de julho. Marrom, com uma enorme mancha branca entre o focinho e os olhos, é de uma fofura só, bem dócil. Como tem pouco tempo de vida, não larga a mãe, sempre pronto para mamar. O mesmo acontece com Zuma, que veio ao mundo no começo de setembro. Sua cor é de um marrom bem escuro, quase terra, uniforme, sem qualquer mancha pelo corpo, o que lhe dá uma beleza única, singular. Mansinhos, eles esperam os pequenos visitantes para receber a atenção e o carinho que todo animal merece. As visitas à Fazendinha podem ser feitas de segunda a quinta-feira, das 7h às 17h. Às sextas-feiras, sábados e domingos, o horário é das 7h às 18h. Tudo é monitorado pelos colaboradores da Associação, com o máximo de segurança. O espaço oferece também outras atividades, como ordenha de vacas, retirada gratuita de ovos de galinha e passeios de pônei.

Fotos: Mariane Melo/ Fontpress

Maguila e Zuma são os novos integrantes da Fazendinha e esperam a visita das crianças


86 Revista

Social

MUITO ESPORTE E DIVERSÃO

HALLOWEEN PROGRAMAÇÃO ESPECIAL! 26 de outubro (sábado)

Oficina de decoração de carrinhos de golfe No Kid’s Club.

2 de novembro (sábado)

Carreata de carrinhos de golfe: Doces ou Travessuras Saída do Kid’s Club.

PREPARE-SE! II PRO-AM DE TÊNIS JHSF 23 e 24 de novembro (sábado e domingo) Nas quadras de tênis da Fase 6.

*PROGRAMAÇÃO SUJEITA A ALTERAÇÕES.


88 Revista

DIVERSÃO E APRENDIZADO

Fotos: Mariane Melo/ Fontpress

Escola do Centro Equestre FBV dispõe de serviços e diferenciais que ensinam a cavalgar e saltar com técnica e firmeza

A equitação propicia diversos benefícios a crianças e adultos que vão além do prazer de montar ou saltar obstáculos e até mesmo competir em torneios. Promove, por exemplo, a melhora do equilíbrio e da postura no dia a dia. Ao mesmo tempo, trabalha a coordenação de movimentos entre tronco, membros e visão. Outro impacto no organismo é o estímulo à produção de serotonina, hormônio responsável pela melhora do humor e sensação de bem-estar. A prática em si também desenvolve habilidades no campo das relações humanas, como a disciplina e segurança na tomada de decisões importantes. Também trabalha a concentração e aumenta a autoestima. Um ponto de partida para tudo isso é recorrer a um aprendizado seguro, como o oferecido pela Escola de Equitação do Centro Equestre Fazenda Boa Vista, comandada pela equipe da Hípica Talismã, de Sorocaba. Há cerca de um ano, a empresa ministra aulas no residencial com pleno know-how e reputação em seu segmento, e mantém à disposição dos associados os simpáticos e atenciosos professores Elis da Silva, Claudiana Diniz, Heloísa Leite, Guilherme Lapenda e Andressa Itri de Albuquerque – os dois últimos, sóciosproprietários da Hípica Talismã.


Centro Equestre 89

PARA TODAS AS IDADES As aulas no Centro Equestre Fazenda Boa Vista ocorrem nos picadeiros coberto e descoberto, mediante agendamento prévio junto ao Atendimento ao Associado. O aprendizado é dividido em quatro níveis: I, I, III e IV, e o conteúdo do curso é definido de acordo com o conhecimento do aluno e seus objetivos, para melhor aproveitamento. Desde a primeira aula, o cavaleiro ou amazona é orientado(a) a deixar todas as preocupações de lado, desfrutando de cada minuto da atividade. Os aprendizes de todas as idades são instruídos desde o manejo básico - passo, trote e galope - ao salto em percursos de noventa centímetros. Cada aula dura uma hora. Um importante diferencial é que as atividades contam com um professor por aluno, o que aumenta bastante o rendimento, pois a atenção é total e integral. A idade mínima para participar é de três anos. Para essa faixa etária, é oferecido o curso lúdico Baby Class, que valoriza a interação dos pequenos com os cavalos em total segurança.

SE INTERESSOU? Todos os alunos devem atentar à vestimenta e uso obrigatório de equipamentos de segurança. É preciso usar calçado fechado, calça apropriada e capacete. As aulas acontecem aos sábados, domingos e feriados, inclusive emendas, das 8h às 17h. Nas segundas-feiras, das 8h às 12h. Para agendamentos, contate: (15) 3261.9610 | (15) 99707.8721 | atendimento@apcfbv.com.br


90 Revista

HIPISMO PARA CIMA

Fotos: Divulgação/ Fernando Jara Faciole

Desempenho de associados em importantes provas de salto denota trabalho executado com determinação e talento

O hipismo na Fazenda Boa Vista deve fechar 2019 com um de seus melhores anos, graças aos talentos de diferentes idades do residencial que se destacaram, ao longo dos nove primeiros meses, em competições estaduais e nacionais de renome. Este também é um sinal de que importantes conquistas, certamente, estão a caminho, uma vez que envolve atletas ainda em formação, em sua maioria, com enorme potencial de crescimento. Quatro exemplos disso são Leonardo Duarte Coelho Passarelli (16 anos), Manuela Kok (11 anos), Pedro Gusmão Suchodolski (42 anos) e Ana Cochrane Pucci (10 anos). Confira a seguir a trajetória de cada um deles, com suas formas de treinar e seus sonhos em crescer nesta que é uma das práticas esportivas de maior relevância na Fazenda Boa Vista.


Centro Equestre 91

UM PASSO ADIANTE Há três anos e meio, Leonardo Duarte Coelho Passarelli nem tinha completado treze anos de idade quando descobriu os prazeres do salto. De lá para cá, percebeu que melhor ainda era competir. Hoje, ele é um dos destaques do Centro Equestre Fazenda Boa Vista, participa de importantes provas brasileiras e diz que pretende ir longe. Ele conta que se prepara para participar de provas fora do residencial treinando uma vez por semana e aos sábados e domingos, com orientação de seu treinador, Daniel de Picoli. Como a forma física é fundamental para quem monta, Leonardo faz academia três vezes por semana. O resultado não podia ser melhor. Em 2019, na Copa São Paulo, de abrangência nacional, ele ficou em primeiro lugar no salto de 1,20 m. Na mesma categoria, em maio, levou o terceiro lugar na CSN. E, no aniversário da Hípica Santo Amaro, ficou em quarto no campeonato nacional de 1,20 m. “Treinei muito este ano e estou muito feliz, pois cheguei à categoria correta para a minha idade, que é de 1,30 m. Nas próximas provas, já estarei saltando nessa altura”, promete o jovem.

A pequena e determinada Manuela Kok treina saltos há quatro anos. Portanto, desde os sete anos, uma vez que tem 11. Ela conta que se prepara para participar de provas externas de acordo com as orientações dadas por seu treinador no Centro Equestre FBV. “Antes da prova, tento descansar para me concentrar melhor e procuro não ficar nervosa para não atrapalhar meu desempenho”, explica. Este ano, Manuela participou de duas competições na Hípica Paulista. Em fevereiro, ficou em primeiro lugar na categoria iniciante 0,60 m. “Sempre é um grande desafio superar todos os medos e aprender que devemos dar o nosso melhor em todas as situações”, diz a atleta, que se mostra bastante focada. “Nem sempre podemos ganhar, mas sempre aprendemos um pouco em cada competição.”

Foto: Divulgação/Acervo pessoal

APRENDER SEMPRE


Centro Equestre

RETORNO CAMPEÃO

Foto: Divulgação/Acervo pessoal

Pedro Gusmão Suchodolski praticou hipismo dos nove aos 16 anos. Retornou ao esporte há apenas um ano, com disposição mais que renovada. “Normalmente, eu me preparo nos três finais de semana anteriores à prova com o apoio da equipe técnica do Centro Equestre Fazenda Boa Vista, principalmente do treinador Daniel de Picoli”, afirma. Ele treina ritmo, controle, equilíbrio e as distâncias dos obstáculos na altura da prova. Além disso, faz treinamento funcional durante a semana em São Paulo, com foco no fortalecimento dos grupos musculares usados no hipismo. Em 2019, participou de duas etapas do Ranking da Sociedade Hípica Paulista (SHP), na categoria Amador B, e, em uma delas, ficou em primeiro lugar. O atleta afirma que o apoio dos times técnico e gerencial do Centro Equestre Fazenda Boa Vista é excelente e o resultado tem sido sua melhora a cada competição. “Temos toda a infraestrutura necessária para atingir um alto rendimento, além de um cuidado especial para com os animais, que passam por checagens veterinárias mensais, combinadas com dietas e treinamentos específicos.” Tudo isso junto, acrescenta, com acompanhamento individualizado para o cavaleiro.

SUPERAR DIFICULDADES Com cinco anos de experiência em treinos, Ana Cochrane Pucci é uma atleta bastante disciplinada e adora organizar sua rotina de prática de acordo com o que considera necessário para evoluir. O apoio da mãe, Betty Cochrane Pucci, também tem sido fundamental. Esta conta que, alguns dias antes, a filha passa a praticar no próprio local da competição. “Ajuda bastante a conhecer bem o espaço. Ao mesmo tempo, serve para adaptar a égua ao lugar.” Ana participou este ano de cinco etapas do Ranking da Hípica Paulista. Suas classificações foram, respectivamente: primeiro, primeiro, segundo, terceiro e quarto lugares. “A prova é igual a um treino, mas é apenas você, seu cavalo e sua responsabilidade”, destaca a saltadora. Somase a isso muita adrenalina, por se tratar de uma disputa que envolve saltos. Ao mesmo tempo, é necessário colocar em ação experiência e técnica acumuladas. “É pôr em prática o que você treinou e que tem dificuldade para tentar superar!”

Foto: Divulgação/ Carolina Walton

92 Revista


Você sonha, e nós realizamos. Do projeto a decoração, a Consttruway cuida de tudo para você. Vai muito além de executar. Com uma equipe altamente qualificada, nós temos a missão de construir o seu sonho com conforto e sofisticação.

Imagem meramente ilustrativa.

Tudo do seu jeito.

Avenida Tamboré 865 11 2078 7676

Tamboré

11 94566 7278

www.consttruway.com.br comercial@consttruway.com.br instagram.com/consttruway/

Barueri

SP

Rafael Del Persio ARQUITETURA e URBANISMO


Fotos: Divulgação/ Daniel Pinheiro

94 Revista

CORPO SÃO, MENTE SÃ Spa Fasano Boa Vista oferece, com excelência, serviços variados aos associados Os proprietários e seus convidados encontram no SPA Fasano Boa Vista um ambiente que proporciona conforto e relaxamento, abraçado pela natureza - o que faz toda diferença. As terapias são realizadas com excelência, na busca por manter a qualidade e os serviços impecáveis, uma das marcas do Grupo Fasano. O espaço também é aberto aos hóspedes do Hotel Fasano Boa Vista. A estrutura inclui piscinas fria e aquecida, caminho de pedras, jacuzzis e saunas seca e úmida. “Contamos também com fitness center e instrutor físico aos finais de semana”, destaca Priscila Paulino, supervisora do espaço. Atividades particulares, como yoga e terapias corporais, também podem ser agendadas previamente. O complexo conta ainda com um salão de beleza, “queridinho” dos associados, comandado pela profissional Jussara Jetarchuki.

EQUIPE PREPARADA Os clientes podem escolher entre planos de adesão anual e diária, que contemplam a utilização de toda a estrutura e serviços. Os tratamentos são cobrados individualmente, e não estão inclusos nos planos. A equipe é composta por massoterapeutas, esteticistas e fisioterapeutas periodicamente treinados e avaliados. Há vários tipos de terapias, como shiatsu, deep tissue, lomi-lomi, hot stones e tratamentos estéticos. Além da excelência na estrutura e no atendimento, o paisagismo da Fazenda Boa Vista é um pano de fundo que traz aconchego e complementa a experiência sensorial, trazendo ainda mais conforto e relaxamento para o corpo e a mente.

SPA Fasano Boa Vista Funcionamento: segunda a quinta-feira, das 9h às 19h. Sextas-feiras, sábados e domingos, das 9h às 21h. Fitness Center aberto todos os dias, a partir das 8h. Agendamentos: (15) 3261-9902; recepcao.spabv@fasano.com.br


AGENDA

Serviços 95

PRESTADORES DE SERVIÇOS Conserto de Ar-Condicionado Arconclima: (11) 7769.4614 | (11) 7769.5899 | (11) 7747.0095 Elo Ar (Gilson): (15) 99784.8310 Palmatec: (15) 3251.9822 Fernando Ar-Condicionado: (15) 99167.5551 | (13) 99712.7107 Ar-Condicionados André: (15) 99712.2003 Metalum (Rafael): ( 15) 99155.9098 JK Ar-Condicionado (Jonatas ou Kleber): (15) 3019.2325 | (15) 7813.1177 | ID 113*29199 Fik Frio (Agnaldo): (15) 99131.4548

Piscineiro e Jardineiro Zé Henrique: (15) 99106.4667 | Lucas (filho): (15) 99738.6986 J.A. Paisagismo: (15) 99768.6538 | (15) 99735.7836 RMJ Jardins: (15) 99735.9462 | (15) 99618.5667 | ID 112*25508 Claudio Manutenção de Jardim: (15) 99653.9494 | (15) 99175.9937 L.L. Manutenção de Lotes e Piscinas: (15) 3262.1440 | (15) 99702.6002 S.O.S Manutenção de Lotes e Piscinas: (15) 99710.3022 | (15) 99611.2638 Floresta: (15) 99791.8881 | (15) 3363.5326 PJ - Serviços: (15) 99815.4858 | (15) 99689.2755 J.M. Focus: (15) 99823.8096 Art Piscinas: (15) 3019.1971 | (15) 99724.7254 Luis Carlos Piscinas: (15) 3261.1860 | (15) 7835.3404

Telefonia Vivo Fibra (Denise): (15) 99795.2681 Sustenta Telecom: 0800.602.54.02 | (11) 3702.1926 | (11) 4873.0732 | (11) 95271.0015

Dedetizadora Sane (Regis): (15) 3229.2100 | (15) 98168.3800 BNC Controle de Pragas: (11) 4032.4833 | (11) 4034.0259 | (11) 97517.5462

Gás I-Gás: (11) 4785.8585 | (11) 4785.8588 | (15) 7723.6040 | (11) 99166.4251 Liquigaz: (15) 99789.1743 | (19) 2129.5400 | 0800.729.77.77 Ultragaz: 0800.886.16.16 | (19) 99154.1994 | (19) 99199.8057 Copagaz: (19) 2104.0500 | (19) 99209.6286 | (11) 99686.8202 Iron Magno: (15) 99718.7371 Desital: (15) 98101.3300 | (15) 3272.5280

Agência de Empregos RCT (Rita): (11) 4014.1822 | (11) 97275.5667 Secretária do Lar: (15) 3211.1869 PAT Porto Feliz: (15) 3262.1206

Eletricista Zé Henrique Eletricista: (15) 99106.4667 AP Instalações - Adriano AP Instalações Elétricas: (15) 99710.5162 JK Eletrecistas (João e Kleber): (15) 99773.0848 | (15) 99609.3405 Walter: (15) 99654.2900

Vanderlei: (15) 99705.3346 Soluções Elétricas (Adilson): (15) 3268.1810 | (15) 99657.9533 Valkir: (15) 99666.3098 | (15) 99795.4940 | (15) 99761.6754 S.O.S Serviços do Décio: (15) 99779.5991

Encanador Hidráulica Rodrigues: (15) 99762.4845 Hidrotec: (15) 3225.4693 | (15) 99663.6856 S.O.S Serviços do Décio: (15) 99779.5991 Full Tec: (11) 95729.8736 Vagner: (15) 99757.5408 | (15) 2107.6233

Chaveiro Chaveiro Dias 24 Horas (Fernão): (15) 99716.5095 | (15) 3262.5789 | (15) 99718.2014 Chaveiro Sorocaba (Daniel): (15) 3011.2706 | (15) 7835.9807

“Faz-Tudo” Eloisa e Wanderley: (15) 99147.6683 José Renato: (15) 99758.0170 Mathias: (15) 7811.3617 | (11) 4762.4281 Rafael: (15) 99709.6383 Doutor Resolve: (15) 3261.5703 D2M Construções: (15) 7837.0518 | ID 834*12199 Vagner: (15) 99757.5408 S.O.S do Decio: (15) 99779.5991

Veterinários - Banho e Tosa Renova: (15) 3261.7074 | (15) 99607.3135 Clinvep: (15) 99815.6429 Bichos e Caprichos: (15) 3261.1834 Med Vet: (15) 2107.5238 Petutti Estética Animal: (15) 99686.4836 Hospital Veterinário São Bento: (15) 3213.2355 | (15) 3021.5394 Intensive Home Care - 24 Horas: (15) 99632.9639 Clínica Amor e Vida: (15) 3213.5327 | (15) 99112.1245 Petervet: (15) 3262.3629 | (15) 99712.8770

Supermercados Delta: (19) 3412.2022 | (15) 3261.8181 Superbá: (15) 3262.9118 | (15) 3262.9122 Oba Hortifruti: (15) 3339.9340 | (15) 3333.1220 Ikeda: (15) 3233.2357 | (15) 3232.4366 Super Bem: (15) 3262.5854 Benedetti: (15) 3262.2871 Hort Log: (15) 3213.5036

Guincho Naldo Guinchos: (15) 3012.0447 Guincho Porto: (15) 3262.1322


Serviços

96 Revista

AGENDA SERVIÇOS, CONVENIÊNCIAS E ATIVIDADES Fazenda Boa Vista Clube de Golfe

Funcionamento: todos os dias, das 7h ao pôr do sol | Serviços: aulas e torneios abertos a associados | Agendamentos: (11) 3198.8340 | (15) 99713.6252 e 7836.7052 | piopastore@apcfbv.com.br.

Hotel Fasano Boa Vista

Funcionamento: 24 horas |(15) 3261.9900 | frontdesk.fbv@fasano.com.br.

Spa Fasano Boa Vista

Agendamentos: (15) 3261.9902 | recepcao.spabv@fasano.com.br.

Centro Equestre

Funcionamento: quarta a domingo, das 7h às 18h; feriados, das 7h às 18h; segundas feiras, das 7h às 13h; fechado às terças-feiras | Serviços: locação mensal de baias, aulas de equitação e passeios de charrete pelo residencial | Agendamentos: (15) 3261.9610 - opção 1 | agendamentos@apcfbv.com.br.

Quadras de Tênis

Funcionamento: quarta a domingo, das 8h às 20h | Serviços: aulas de tênis Agendamentos: (15) 3261.9610 - opção 1 | agendamentos@apcfbv.com.br.

Fazendinha

Funcionamento: segunda a quinta, das 7h às 17h; sexta, sábado e domingo, das 7h às 18h | (15) 3261.9610 - opção 1.

Pães e jornais

Todos os finais de semana e feriados | Encomendas até às 15h das sextas-feiras ou vésperas de feriados: (15) 3261.9610 - opção 1 | agendamentos@apcfbv.com.br | Retirada no Atendimento da Associação, a partir das 7h30.

Armazém Boa Vista

Funcionamento: quartas-feiras, das 13h às 17h; quintas-feiras, das 9h às 17h; sextas-feiras e sábados, das 9h às 19h; domingos, das 9h às 17h. Encomendas, com delivery nas residências, por telefone e WhatsApp: (15) 99800.5445.

Sinhá Casa Boa Vista

Funcionamento: quinta-feira, das 10h às 17h, sexta-feira e sábado, das 10h às 20h, e domingo, das 10h às 17h | (11) 98388.0004 (WhatsApp).

Horta

Funcionamento: sextas, sábados, domingos e feriados, das 7h às 11h e das 13h às 17h | (15) 3261.9610 - opção 1.

Feirinha da Fazenda

Funcionamento: sextas feiras, das 13h às 17h; sábados, das 8h30 às 13h; feriados, emendas e férias, em horários especiais – Acompanhe nos e-mails enviados às quintas-feiras pelo Atendimento ao Associado | Local: Sede Hípica


Proteção com ética, conhecimento e respeito à saúde e meio ambiente Atendimento com: engenheiros, biólogos e equipe especializada Referência no mercado de controle de pragas desde 1997, a BN CONTROLE DE PRAGAS é especializada em condomínios de alto padrão e prestadora de serviços para a Fazenda Boa Vista desde 2014. Conta com tecnologias para controle endêmico, participa do Programa de Proteção Bayer, além da confiança adquirida ao longo dos 45 anos de carreira do Engenheiro Florestal e Ambientalista Oscar de Brito Neto, fundador e técnico responsável da empresa, que tem 20 anos trabalhados como pesquisador na Divisão de Produtos Florestais do IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas da USP – Universidade de São Paulo.

Se é Bayer, é bom!

(11) 4032.4833 | 4034.0259 bncpraga@uol.com.br | www.bncpragas.com.br Praça Manoel Theodoro, 39 - Bragança Paulista


Fotos: Mariane Melo/ Fontpress

98 Revista


Infra 99

SEMPRE EM EVOLUÇÃO Obras e benfeitorias realizadas no quarto bimestre de 2019 ampliam segurança e conforto para os associados

As coisas sempre podem ser melhoradas um pouco mais, não é verdade? Na Fazenda Boa Vista, esse é um lema permanente, que se renova a cada bimestre. Desse modo, ano após ano, a comodidade, o conforto e a segurança ganham reforços importantes em todos os espaços, vias de acesso e alamedas. Em agosto e setembro, por exemplo, foram realizadas obras relevantes. Tudo fica a cargo do Departamento de Manutenção e Obras da Associação Fazenda Boa Vista, com sua equipe afiada, que costuma trabalhar em ritmo acelerado e incansável para inovar e aprimorar a infraestrutura, de modo a permitir que cada associado curta ao máximo o residencial.

ALAMEDAS PAVIMENTADAS A manutenção das alamedas da Fazenda Boa Vista tem duas funções básicas: a corretiva e a preventiva. Portanto, trabalha-se em duas frentes. Na primeira, são tratados os pontos identificados como “patologias” no asfalto - rachaduras, desgastes e buracos. Assim, é feita uma abertura no local, seguida da aplicação de nova capa de asfalto na pista. Já na preventiva, faz-se um recapeamento localizado e a capa aplicada tem caráter de preservar o pavimento e postergar a manutenção. Na etapa de recapeamento, há ganhos em resistência e durabilidade da pista. No momento, a equipe de Manutenção e Obras está trabalhando nas Fases 1, 2 e 6, também com a reforma das canaletas para melhor escoamento de água no viário.


100 Revista

PINTURA PREVENTIVA Estão em curso os trabalhos de manutenção nos amenities do residencial. A operação compreende reparos, lixamento, envernizamento e pintura de todas as estruturas. Em setembro, foram concluídos os trabalhos nas pontes e elementos de madeira das áreas comuns. A mesma ação foi estendida aos reservatórios de água da Boa Vista. Nesse caso, a função é meramente técnica. A cada ano, tanto a pintura externa quanto a interna sofrem desgastes por ação de agentes externos, que diminuem a camada de proteção e podem ocasionar corrosão. A pintura tem justamente a função de retificar essas camadas, de modo a evitar que a corrosão se inicie. A pintura interna de cada reservatório tem um controle extremamente rigoroso pois tem contato com a água que abastece as residências. Todos os processos são baseados em normas rigorosas estabelecidas pela Petrobras e Sabesp.


Infra 101

COMPLEXO ESPORTIVO Uma nova estrutura está em construção no Centro Esportivo para a prática do pilates e do Circuito Cau Saad, hoje realizados no deque da Sede Hípica. Ambas as atividades passarão a ser comandadas em um novo espaço, coberto, amplo, bem iluminado e arejado – e com som ambiente! –, em frente ao Centro Médico. A arquitetura seguirá o padrão do Golfe Clube House 2, com pilares quadrados, piso em concreto e área de 250 metros quadrados. Como última etapa, será feito o paisagismo no entorno e o espaço será entregue aos associados antes de dezembro. Vale destacar que a nova estrutura também poderá ser utilizada para eventos e outras atividades sociais promovidos pela Associação.

MAIS LUZ NA P2 O viário de acesso à Portaria 2 recebeu reforço na iluminação com a instalação de 24 novos pontos de luz – suportes e luminárias. Todos serão alimentados por energia solar, acumulada mesmo nos dias de chuva, garantindo mais segurança no deslocamento de veículos e pedestres.


Revista

Fotos: Divulgação/JF Gestão de Conteúdo

102

A VOZ DE TODOS Assembleia Geral Extraordinária realizada em 22 de agosto, com votação eletrônica, aprovou propostas de melhorias e elegeu novos comitês temáticos

O voto continua a ser a melhor forma de se tomar todas as decisões importantes. Na Fazenda Boa Vista, isso é feito a partir da Assembleia Geral Extraordinária da Associação dos Participantes do Complexo Fazenda Boa Vista (APCFBV). Aliás, a principal novidade desta reunião, realizada em 22 de agosto, foi a implantação da votação eletrônica, o que facilitou e agilizou o processo. Outra inovação foi o limite de tempo de discussão para cada tema proposto. Além da aprovação de diversas melhorias de impacto no residencial, foram eleitos os membros dos Comitês Temáticos – Orçamentos de Riscos e Jurídicos, Operacional e de Infraestrutura, Social e de Comunicação e Apoio. A assembleia ocorreu no auditório do Cidade Jardim Corporate Center, em São Paulo. Os assuntos da pauta foram conduzidos pelos diretores Fabiano Barros, Camile De Luca Badaró, Marcelo Renato Miguel Cardoso e o diretor-presidente da Associação Fazenda Boa Vista, Camilo Lellis. Entre os temas, aprovou-se o local da nova Sede Administrativa do residencial, que ficará no bolsão próximo à Portaria 3, ao lado da área de lazer, na Fase 8. Com isso, o fluxo de fornecedores circulando pelo complexo diminuirá bastante. Houve a sugestão inicial de que a sede fosse erguida na Quadra 32, localizada na Fase 6, em uma área próxima ao Centro Médico, Complexo Esportivo e Heliponto. No entanto, como o local apresenta grande movimentação de associados – inclusive de crianças –, além de ser distante do acesso às Portarias 2 e 3, ambas de serviços, ficou acordado que iria para a Fase 8. A alteração do local para a construção da nova Sede Administrativa da APCFBV foi aprovada pela maioria dos presentes.


Por Dentro da Boa Vista 103

PORTARIA SOCIAL A pauta da Assembleia Geral Extraordinária incluiu ainda a ampliação da Portaria Social, sistema de telemetria na produção e distribuição de água - que diminuirá o desperdício hídrico -, e o aditivo às normas de convivência, com a aprovação de alterações envolvendo paisagismo, Lei do Silêncio e cadastramento de empregados. Coube a Marcelo Cardoso, Gerente de Operações da APCFBV, apresentar aos associados o projeto de incremento da Portaria Social, junto com o investimento total da obra, que será 100% absorvido pela Associação. Após algumas considerações, o projeto foi aprovado por 98% dos presentes.


104

Revista

FOTOMETRIA E TELEMETRIA Outro item importante votado e aprovado, o novo sistema de produção e distribuição de água terá novas formas de aferição e telemetria, com o objetivo de tornar o processo economicamente sustentável. No início da apresentação, Marcelo Cardoso explicou que o índice de perda de água no residencial, atualmente, é de 25%. Com a implantação do novo mecanismo, o índice de perda deverá diminuir para 10%. Antes do tema ser colocado em votação, foram apresentadas duas opções de implantação. A primeira considerava os custos 100% absorvidos pela Associação. Pela outra, as despesas seriam parcialmente suportadas pelos associados do residencial. Venceu por 94% dos presentes a primeira alternativa.

NORMAS DE CONVIVÊNCIA Outro tema importante diz respeito ao aditivo às Normas de Convivência da Fazenda Boa Vista. Dra. Camile De Luca Badaró, DiretoraSecretária da Associação, ressaltou que o texto com as alterações foi enviado previamente para conhecimento de todos os associados e, para elaboração da versão fnal, houve a preocupação de observar os limites legais de atuação da Associação, de maneira que a proposta contemplasse uma regulação lícita e de acordo com a legislação em vigor. Ela esclareceu ainda que o ponto referente ao item “Do cadastramento e do aliciamento de empregados e da locação, comodato e cessão de direitos e uso de fruição” tomou por base o parecer de uma consultoria jurídica especializada, contratada pela APCFBV por solicitação do Comitê de Apoio à Gestão. O regimento foi aprovado por 92% dos presentes, depois de alterados e excluídos os itens 7.35, 7.36 e 7.37 das Normas de Convivência, e criado o item 17.


Por Dentro da Boa Vista 105


106

Revista

LEI DO SILÊNCIO Também foi aprovado o teto da multa da Lei do Silêncio por 80% dos presentes. Assim, após as 22h, será aplicada uma multa fixa de R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) por hora de excesso, até que o evento causador da manifestação ruidosa cesse. Haverá tolerância de 15 (quinze) minutos para que o volume seja diminuído, após o associado ser notificado pela segurança do residencial. Por fim, na seção “Da restrição de locação/cessão dos amenities para festas”, foi aprovado por 72% dos presentes o impedimento da locação e/ou cessão das áreas comuns para a realização de eventos particulares, sendo autorizados apenas aqueles realizados pela Associação, pela Incorporadora ou pelo Fazenda Boa Vista Clube de Golfe.

COMITÊS TEMÁTICOS A Assembleia Geral Extraordinária elegeu os membros dos Comitês Temáticos e de Apoio à Gestão: Comitê de Orçamentos de Riscos e Jurídicos Antônio Carlos Guidoni Filho Ewerton José de Castro Brandão Filho Fernando Mattar Beyruti Marco Antônio Fanucchi João Marcos Prado Garcia Comitê Operacional e de Infraestrutura Euclides Ribeiro da Silva Junior Ewerton José de Castro Brandão Jorge Cury Neto Marcelo Dib Elias Rubens Elias Zogbi Filho Comitê Social e de Comunicação André Moreira Pires Christian Mattar Saigh Marcelo Checon Antongini Paula Soares Bortoluzzo Guedes Comitê de Apoio Claudio Bergamo Edsá Sampaio Carlos Daniel Rizzo da Fonseca José Ermírio de Moraes José Auriemo Neto

Por Dentro da Boa Vista


Revista

Foto: Mariane Melo/Fontpress

108

ROTEIRO DE CONSTRUÇÃO Confira como funciona o processo de análise e aprovação de projetos de obras na estrutura de gestão da FBV

Por causa de suas dimensões territoriais e de população, a Fazenda Boa Vista, sem dúvida, tem porte e estrutura semelhantes aos de uma cidade. Por isso, é importante ter no residencial uma área responsável pela análise dos projetos de obras apresentados no decorrer de cada ano. Com isso, é possível garantir que sejam respeitadas as restrições urbanísticas, que estabelecem um controle para elaboração, encaminhamento e aprovação ou não dos projetos. A intenção é manter o padrão de qualidade urbanística e visual do residencial, de maneira que o crescimento do mesmo seja planejado e constitua um conjunto harmônico junto ao entorno. Vanessa Orlandin Barreto, analista de arquitetura da FBV, explica que quatro profissionais compõem esse setor na Associação e são responsáveis por todas as avaliações e condução dos processos. São eles: analista de arquitetura, fiscal de obras, coordenadora e gerente. Segundo ela, a Associação mantém um convênio com a Prefeitura de Porto Feliz, pelo qual a aprovação do projeto no respectivo órgão municipal está vinculada à realizada pela Fazenda Boa Vista. A primeira etapa de encaminhamento ocorre no empreendimento, quando os responsáveis técnicos contratados pelos associados para desenvolver o projeto (no caso das residências) procuram o setor para se informarem a respeito das condições e restrições urbanísticas e solicitarem os manuais para desenvolvimento da obra. Em seguida, os projetos são enviados à Associação, em formato digital, para análise. Nessa fase, são conferidos os itens pertinentes à aprovação, como altura máxima, taxa de ocupação, distância de recuos, entre vários outros pontos importantes.


Por Dentro da Boa Vista 109

LEIS E PARÂMETROS Além das restrições urbanísticas do residencial, o responsável técnico da obra deve atender às leis e parâmetros municipais. Se tudo estiver dentro dos conformes, o técnico é informado e são solicitadas as vias impressas. Após seu envio, é feita uma reanálise dos itens. Então, o projeto recebe o carimbo de aprovação da FBV e é solicitada a retirada pelo responsável para que o mesmo possa protocolá-lo junto à Prefeitura. São observados os critérios estabelecidos pelas restrições urbanísticas de cada fase, as normas de convivência, as leis e parâmetros municipais. Os fatores determinantes para aprovação de cada projeto, observa Vanessa, abrangem certa quantidade de itens e se estruturam basicamente naqueles pertinentes às limitações de urbanismo do residencial e nas normas e padrões de apresentação e construção exigidos pela municipalidade.

MÉDIA DE APROVAÇÕES A Fazenda Boa Vista faz em torno de 25 a 30 análises de projetos por mês, além de análises de correções solicitadas. De meados de 2018 a setembro de 2019, foram oito aprovações por mês, em média. O setor analisa projetos de residências, paisagísticos e relacionados à infraestrutura do residencial, como áreas de lazer, segurança e equipamentos urbanos em geral.


Revista

Momento Associação

Foto: Mariane Melo/Fontpress

110

GESTÃO TRANSPARENTE A transparência e a eficiência têm sido as marcas das gestões que tornaram a Fazenda Boa Vista um dos melhores lugares para se viver em todo país. Daí a importância da Assembleia Geral Extraordinária, realizada em 22 de agosto. Na ocasião, foram escolhidos os integrantes dos comitês temáticos, aprovadas mais melhorias para o segundo semestre de 2019 e dado o pontapé inicial para os preparativos da grande festa de réveillon 2019. No caso dos comitês, toda renovação é sempre muito bem-vinda porque traz novas ideias e mais disposição para transformar e melhorar as coisas. Um ponto polêmico votado e aprovado foi a aplicação de multas a quem não respeitar a Lei do Silêncio. O valor de R$ 40 mil por hora de barulho, após o associado ter sido advertido pela segurança, não tem a finalidade de arrecadação financeira, mas sim, de educação. Tanto que, antes que a punição tenha início, é dado um tempo de tolerância de quinze minutos para que o ruído seja reduzido aos limites permitidos. Vale reforçar que, com bom senso, tudo se resolve sem a necessidade de qualquer tipo de punição. Como bem destacou na última Assembleia a Dra. Camile De Luca Badaró, Diretora-Secretária, tudo o que é votado na Fazenda Boa Vista segue a preocupação imperativa de se observar os limites de atuação da Associação, de forma que se tenha uma regulação lícita e de acordo com a legislação em vigor. Portanto, é dessa forma, com a participação e ampla vontade da maioria, que o residencial se consolida ano a ano como um lugar exemplar, de convivência saudável e respeito entre os membros que formam nossa comunidade. Cordialmente, Camilo Lellis Diretor-Presidente da Fazenda Boa Vista


#DontCrackUnderPressure

MONACO CALIBRE 11 AUTOMATIC CHRONOGRAPH Steve McQueen’s legacy is timeless. More than an actor, more than a pilot, he became a legend. Like TAG Heuer, he defined himself beyond standards and neve cracked under pressure.

Boutique TAG Heuer São Paulo: Shopping Cidade Jardim (11) 3198-9458 Rio de Janeiro: Shopping Village Mall (21) 3252-2846 https://store.tagheuer.com/

Profile for Fontpress Comunicação

Fazenda Boa Vista ed.22  

Fazenda Boa Vista ed.22  

Advertisement