Page 1

VENDA PROIBIDA

M A I S S A B O R E Q UA L I DA D E PA R A S UA V I DA

Ajinomoto ED. 12 • MAIO DE 2012

OBA, HOJE É DIA DE...

MENU

COMFORT FOOD: PRATOS TEMPERADOS COM SAUDADE E SABOR DE INFÂNCIA

PIZZA! EXPLORE A CRIATIVIDADE PARA PREPARAR A MASSA E MONTAR COBERTURAS E RECHEIOS

Receitas de fibra! Aprenda a incluí-las no seu dia a dia e saiba como potencializar seus benefícios para o organismo

Capa 2.rev.indd 1

4/19/12 1:54 PM


sumário

Tradição, carinho e saúde

JORNALISTA RESPONSÁVEL Mariella Lazaretti • MTb no 15.457 SABORES AJINOMOTO • COORDENAÇÃO Marketing Culinário • CONSELHO EDITORIAL Priscila Andrade e Natália Santos • COORDENAÇÃO-GERAL Editora 4 Capas • DIRETORA RESPONSÁVEL Mariella Lazaretti • DIRETOR EXECUTIVO Georges Schnyder • PROJETO GRÁFICO 4 Capas • DIREÇÃO DE ARTE Ana Lucia Caldas • EDITORA Ana Paula Kuntz • REPÓRTER Camila Duarte • FOTOS Carol Gherardi e Ricardo D’Angelo • PRODUÇÃO CULINÁRIA E DE OBJETOS Beth Freidenson • ASSISTENTE DE PRODUÇÃO Cleusa Bonfim • REVISÃO Ruth Figueiredo PARA FALAR COM A REVISTA, ENVIAR CARTAS E SUGESTÕES

Poucas coisas são tão reconfortantes quanto comidinha de mãe. Ou de pai, ou de avó... Ou daquela pessoa que sabia como ninguém cuidar da gente quando éramos criança e, com uma receitinha “mágica”, nos curava de um mal-estar, de uma agonia ou até de uma manhazinha, por que não? Esse afago ao estômago, tão carinhoso quanto um colo ou um cafuné, hoje dita a linha de trabalho de chefs que se dedicam à “comfort food”, essa comidinha temperada com amor familiar, que nos faz sorrir só de lembrar os tempos da infância. E, também, que é a cara da SABORES Ajinomoto, uma vez que, a cada edição, imprimimos em nosso trabalho todo o carinho que você merece – seja em nossas reportagens, seja nos eventos preparados para celebrar o ótimo relacionamento que temos com os consumidores. Inspire-se nas receitas do Menu, que preparamos para cultivar essa tradição que virou moda. Falando em tradições, trazemos aqui a história da pizza – inventada há mais de 5.000 anos! Já ouviu falar em pizza de pão de queijo? Pois é. Versátil e irresistível, ela pode ser preparada das maneiras mais criativas, da massa ao recheio ou cobertura, e nossas receitas estão aí para provar. Neste número, temos ainda uma reportagem sobre a terra da rainha Elizabeth II: já que a Olimpíada acontece na Inglaterra neste ano, quisemos mostrar, lado a lado, os principais pontos turísticos de Londres e as localidades onde serão realizadas as competições. Quando o assunto é saúde, há conselhos a que devemos dar ouvido, inclusive para continuar ouvindo bem. Conversamos com especialistas em audição e escutamos com muita atenção as dicas que damos a você nas páginas de Bem-estar a respeito da saúde auditiva, que se perde com o passar do tempo, numa velocidade cada vez maior. Fundamentais para o bom funcionamento do intestino, as fibras também ganharam destaque. Veja como elas podem contribuir com seu organismo e como aproveitá-las em receitas que você vai querer repetir muitas vezes, tanto por fazerem bem à saúde quanto por serem deliciosas. E até – quem sabe? – transformar as fibras em uma nova tradição na sua casa. Boa leitura!

2e3_Sumario 3.rev.indd 2

4/13/12 2:02 PM


6

10

30

4. lições Ajinomoto

Por que abandonar utensílios de madeira; o jeito certo de cortar carne e dicas para o bolo perfeito

5. aperitivo

Mais doçura e menos calorias: aprenda sobre as características de cada tipo de adoçante

6. menu Ajinomoto

“Comfort Food”: o aconchego que somente aquela comidinha com alma e sabor da infância pode trazer

10. oba, hoje é dia de...

Pizza, de vários sabores e em vários formatos, para jamais se cansar dela

14. giro

Em Londres, as tradições se encontram com a adrenalina dos Jogos Olímpicos

18. bem-estar

Para ouvir melhor: por que há mais pessoas com problemas de audição e o que fazer para evitá-los

20. sua casa

Crie soluções para organizar sua cozinha reaproveitando as embalagens

22. entrevista

Saiba por que 2012 está sendo um ano tão especial na vida da apresentadora Eliana

25. lançamentos

Um presente especial de VONO® para seu inverno e as ações de SAZÓN® na TV

26. vida saudável

Tudo o que as fibras podem fazer pelo seu organismo

30. delícia da estação

Os diversos nomes e as possibilidades de cozinhar com mandioquinha

32. especial

Ajinomoto celebra o Dia do Consumidor com muito carinho

34. cantinho do leitor

PESOS E MEDIDAS 1 xícara (chá) de... Açúcar = 150 g Amido de milho = 100 g Arroz = 170 g Farinha de rosca = 140 g Farinha de trigo = 110 g Fubá = 120 g Manteiga = 200 g Qualquer líquido = 200 ml Queijo ralado = 100 g 1 colher (sopa) de... Açúcar = 12 g Amido de milho = 8 g Farinha de trigo = 9 g Fermento químico = 12 g Manteiga = 15 g Qualquer líquido = 15 ml 1 colher (chá) de... Sal = 5 g

A deliciosa receita de peixe que encantou o paladar do nosso júri

2e3_Sumario 3.rev.indd 3

4/13/12 2:03 PM


lições Ajinomoto

MADEIRA, SÓ NA DECORAÇÃO! PREFIRA UTENSÍLIOS DE COZINHA FEITOS DE MATERIAIS IMPERMEÁVEIS É norma da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa): colher de pau, tábua de corte, rolo de massa e outros utensílios feitos de madeira estão proibidos em cozinhas de restaurantes e bares. Esses objetos devem ser feitos de materiais que não transmitam odor nem sabor, com textura lisa, impermeável e lavável. A venda daqueles feitos de madeira não é proibida, mas eles estão dando lugar aos produzidos de plástico, silicone, metal, acrílico, vidro, que são materiais mais higiênicos. De acordo com a Anvisa, a madeira favorece a formação de fissuras onde se acumulam resíduos de alimento, líquidos e sujeira, e onde proliferam microrganismos que podem contaminar os alimentos e prejudicar a saúde. Fica a pergunta: e o bambu? Apesar de ser também um tipo de “tronco”, ele é, ao contrário da madeira convencional, menos poroso, o que evita a penetração de bactérias e sujeira. Também é mais leve e tem ainda uma vantagem do lado ecológico, pois cresce e se reproduz muito mais rápido que outras plantas de reflorestamento.

DO

MANTENDO A FORMA CO RT E

SE

NT

ID

O

DA

FI

BR

SE

A

NT

ID

O

DA

FI

BR

A

SE NT ID O

PASSE A FACA Você sabia que o jeito de cortar pode interferir na maciez da carne? Segundo o especialista István Wessel, a carne deve ser sempre cortada transversalmente, contra as fibras. “Isso porque as fibras são mais duras que o tecido que as une. Se as mantivermos inteiras, dificultamos a mastigação.” Ele recomenda que a dona de casa mantenha uma faca apenas para fazer os cortes. “Deve ser uma faca bem afiada, que nunca seja usada para furar latas ou para torcer parafusos”, brinca. Desrespeitar essas regras de corte – que valem tanto para a carne bovina quanto para a carne suína – pode pôr a perder uma peça, deixando o bife duro demais para comer. Vale lembrar: para quem pretende reunir a família em um churrasco, o ideal é optar pelas peças de contrafilé, alcatra, picanha, maminha e fraldinha. Para os picadinhos e ensopados, o músculo, o acém e o coxão-duro rendem bons cozidos na pressão. Acém, patinho e coxão-mole rendem bifes empanados muito saborosos, e contrafilé e alcatra, bifes acebolados e na chapa. Preste atenção ao comprar a carne. A gordura não deve estar muito amarelada – isso é sinal de que o animal era velho. Ela deve ter a consistência firme e compacta e a cor vermelho brilhante.

4e5_Lições 5editado.rev.indd 4

Nada é mais triste do que aquele bolo delicioso se quebrar em mil pedacinhos na hora de desenformá-lo. A paciência é primordial: só o desenforme quando esfriar, e depois de descolar o bolo passando uma espátula em volta da massa. Mas o segredo está na hora de untar: besunte a forma com manteiga, óleo ou algum tipo de gordura neutra, sem esquecer os cantinhos. Margarina funciona muito bem, mas não na versão light, que é menos gordurosa. Depois, é preciso enfarinhar. A farinha de trigo é a mais tradicional, principalmente para os bolos brancos. Para o de fubá, você pode usar o próprio fubá, e para o de chocolate, chocolate em pó. “Usar o açúcar também dá certo, e como efeito o bolo fica caramelizado, com uma casquinha crocante. Porém, cuidado: o bolo não deve ficar no forno mais do que o tempo do cozimento para que o açúcar não se queime e amargue”, ensina o chef Fernando Pulciano. Para tortas doces ou salgadas, unte a forma usando o mesmo processo dos bolos. Para a massa não estufar na hora de assar, faça furos com um garfo em toda a base e bordas, quando estiver ainda crua na assadeira.

4/18/12 3:41 PM


5

aperitivo

DOÇURA REFORÇADA

CONHEÇA AS PROPRIEDADES E O PODER DOS PRINCIPAIS TIPOS DE ADOÇANTE

MESMA DOÇURA, METADE DAS CALORIAS MID® Sugar é o adoçante de mesa para quem procura uma alimentação balanceada, sem abrir mão do sabor. Feito com a combinação entre o açúcar e o aspartame, um pacotinho de 3 gramas adoça tanto quanto 2 colheres (chá) de açúcar refinado, e fornece apenas 12 calorias – metade do que haveria na mesma porção de açúcar. Embalado em sticks superpráticos, é próprio para adoçar suco, café e outras bebidas quentes ou frias, e também para ser colocado em sobremesas, como saladas de frutas.

Houve um tempo em que os adoçantes eram usados apenas por diabéticos. Hoje, os edulcorantes, nome técnico do substituto do açúcar, fazem parte da dieta de qualquer um que queira perder peso ou manter a forma. Rosa Yoshimoto, engenheira de alimentos e gerente de vendas da Ajinomoto, explica que os edulcorantes são divididos em dois grupos: os de baixa intensidade (frutose, lactose, sorbitol, manitol, xilitol e maltodextrina), de dulçor próximo ou menos doce que o do açúcar (sacarose), e os de alta intensidade (ciclamato, sacarina, acesulfame-k, stevia, aspartame e sucralose), muito mais doces que o açúcar. “Em geral os edulcorantes não são calóricos. Quando são, devido ao alto dulçor, são usados em quantidades muito pequenas, o que nos faz ingerir menos calorias, reduzindo, assim, os impactos indesejados de uma dieta rica em açúcar”, afirma. “Além disso, os edulcorantes das duas categorias não afetam os níveis de glicose no sangue, o que justifica seu uso por diabéticos. A única ressalva é com relação à frutose, que é um açúcar, mas, sob acompanhamento médico, pode ser consumida por diabéticos.” Os edulcorantes podem também ser classificados em naturais e artificiais. Mas a opção por um tipo ou outro geralmente se dá em razão do sabor, pois todos os edulcorantes têm a mesma função, que é a de adoçar o alimento. Conforme explica Rosa, o aspartame é o que tem sabor mais parecido com o do açúcar. A segurança do consumo de edulcorantes é atestada por um comitê de especialistas em toxicologia de alimentos da Organização Mundial de Saúde, que estabelece o valor de Ingestão Diária Aceitável (IDA) de cada edulcorante. “São valores que permitem o uso com uma boa margem de segurança, sem termos de nos preocupar com seu consumo no decorrer da vida.” Para se ter uma ideia, uma pessoa que pesa 60 quilos pode ingerir até 2.400 mg de aspartame por dia, equivalente a quase 6 litros de refrigerante Guaraná tipo “zero”. Rosa alerta para uma contraindicação: o aspartame deve ser evitado por portadores da fenilcetonúria, doença que impede o organismo de metabolizar o aminoácido fenilalanina, presente em alimentos proteicos, como carne, leite, ovos e também no aspartame. Vale lembrar que todos os edulcorantes aqui citados têm o uso aprovado pela Anvisa/Brasil e estão aptos ao consumo humano. Mais informações: www.abiad.org.br

Nome do edulcorante

Característica

Poder adoçante**

Quilocalorias/ gramas

Ingestão máxima / dia *

ASPARTAME (ARTIFICIAL)

Levado ao fogo, perde o poder de adoçar, mas dissolve bem em líquidos quentes.

200 vezes maior

4

3.000 mg

ACESSULFAME K (ARTIFICIAL)

Utilizado em bebidas, chocolates, geleias, produtos lácteos, gomas de mascar e panificação.

200 vezes maior

zero

1.125 mg

SUCRALOSE (ARTIFICIAL)

Resiste bem a altas temperaturas. Sabor parecido com açúcar, não deixa gosto residual.

600 a 800 vezes maior

zero

1.125 mg

CICLAMATO (ARTIFICIAL)

Pode ir ao fogo, mas possui sabor residual um pouco azedo.

40 vezes maior

zero

825 mg

SACARINA (ARTIFICIAL)

Pode ir ao fogo, mas deixa gosto residual doce metálico.

300 vezes maior

zero

375 mg

STÉVIA (NATURAL)

Pode ir ao fogo e realça o sabor dos alimentos.

300 vezes maior

zero

300 mg

* Valores considerados para uma pessoa de 75 kg ** Em relação à sacarose

4e5_Lições 5editado.rev.indd 5

FONTE: ABIAD

4/18/12 3:42 PM


menu

Recordar é comer ENTENDA POR QUE POUCAS COISAS NOS DEIXAM TÃO FELIZES QUANTO AQUELA Sobremesa COMIDINHA QUE A VOVÓ FAZIA

BOLO GELADO DE COCO E ABACAXI

6a9_Menu.rev.indd 6

PRATO

FOTOS: RICARDO D’ANGELO - AGRADECIMENTOS: LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO - GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

INGREDIENTES 1 envelope de MID® Abacaxi; 3 e meia xícaras (chá) de leite (700 ml); 5 ovos (claras em neve); 2 xícaras (chá) de açúcar; 2 xícaras (chá) de farinha de trigo, peneirada; 1 colher (sopa) de fermento em pó; 1 vidro de leite de coco (200 ml); 1 lata de leite condensado; 2 embalagens de coco ralado (200 g)

 FÁCIL  50 MIN. (+ 5 HORAS PARA GELAR)

24

s aço s) pedorçõe p (12

MODO DE PREPARO 1. Dissolva o MID® no leite e reserve. 2. Na tigela da batedeira, coloque as gemas e o açúcar, e bata até obter um creme claro. 3. Junte 1 xícara (chá) da mistura de leite com MID® e a farinha de trigo, aos poucos, batendo até ficar homogêneo. 4. Retire da batedeira e incorpore metade das claras, delicadamente, em movimentos circulares de baixo para cima.. Acrescente o restante das claras e, por último, o fermento em pó. 5. Transfira para uma forma retangular grande (35 cm x 23 cm), untada e enfarinhada, e leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 25 minutos, ou até que, depois de espetado na massa, um palito saia limpo. 6. Retire do forno e espere o bolo esfriar completamente. 7. Enquanto isso, prepare a calda: em uma tigela, coloque o leite de coco, o leite condensado e a mistura de leite e MID® restante, e misture bem. 8. Corte o bolo em quadrados e molhe-os, um a um, na calda. Em seguida, passe pelo coco ralado e embrulhe-os em papel-alumínio. 9. Leve à geladeira por, no mínimo, 5 horas antes de servir. Dica: a clara em neve é adicionada em duas etapas para auxiliar na manutenção da aeração da massa.

4/19/12 8:57 AM


PRATO

4

ões porç

LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO - GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

A

s receitas mais simples podem provocar os mais profundos suspiros. Assim são aqueles pratos que nos remetem à comidinha da mamãe, da vovó ou da titia. O nome usado para identificar receitas temperadas de boas lembranças e saudade é “comfort food”. O termo, que em tradução livre significa “comida de conforto”, é usado em inglês porque surgiu nos Estados Unidos, há cerca de dez anos, contra a maré das lanchonetes e redes de fast food. “O Bolo Coco Gelado que minha mãe fazia nos aniversários lembram muito minha infância”, afirma Marco Antônio Neto. “Minha família é de Minas Gerais. Quando vou para lá, ou quando minha mãe vem me visitar em São Paulo, não perco a chance de comer a canjiquinha mineira que ela faz. É tão aconchegante... Tenho a sensação de estar sendo cuidada com o carinho que só mãe pode dar”, diz Jackline Procópio. O professor Eugenio Santomauro, das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU), explica que as boas recordações que o cheiro de comida traz aparecem porque existe no cérebro uma região que controla as emoções e a liberação de hormônios que podem excitar, acalmar ou proporcionar prazer. “É o sistema límbico, fortemente estimulado pelo olfato. Por ser um mecanismo muito primitivo dos animais, ele tem a função de marcar as diversas situações da vida com sensações agradáveis ou desagradáveis”, diz. “A ‘comfort food’ está muito ligada à infância. Essa é uma época de experiências e aprendizado em vários aspectos. Descobrimos cheiros, gostos, texturas e os relacionamos com sensações boas ou ruins, arquivando na memória emocional.” Tudo é uma questão de momento. O professor ressalta que as crianças de hoje provavelmente não terão a mesma concepção de “comfort food” quando chegarem à idade adulta. “O que para mim, na infância, proporcionou essas sensações, talvez não estimule os adultos da próxima geração.”

 FÁCIL  1 HORA

7

Principal NHOQUE AO SUGO INGREDIENTES MASSA - 6 batatas médias, cozidas e espremidas ainda quentes (1 kg); 2 colheres (sopa) de manteiga sem sal; 2 ovos; 1 sachê de Caldo SAZÓN® Galinha; 4 colheres (sopa) de queijo tipo parmesão ralado; 3 xícaras (chá) de farinha de trigo MOLHO - 3 colheres (sopa) de azeite de oliva; 1 cebola média picada; 2 dentes de alho espremidos; 10 tomates médios, batidos e coados (1 kg e meio); 1 sachê de Caldo SAZÓN® Galinha; 1 pitada de sal; 1 colher (chá) de AJI-NO-MOTO® MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela grande, misture a batata, a manteiga, os ovos e o Caldo SAZÓN®. 2. Espere esfriar e junte o

6a9_Menu.rev.indd 7

queijo ralado e, aos poucos, a farinha de trigo. 3. Mexa delicadamente até soltar das mãos e transfira para uma superfície lisa e enfarinhada. 4. Faça cordões com a massa e corte os nhoques. 5. Ferva 4 litros de água numa panela grande ou caldeirão, junte 1 fio de óleo e cozinhe os nhoques, aos poucos, retirando-os com o auxílio de uma escumadeira, assim que subirem à superfície. Reserve. 6. Prepare o molho: em uma panela média, aqueça o azeite em fogo alto e refogue a cebola e o alho por 5 minutos, ou até que fiquem ligeiramente dourados. Adicione os tomates batidos, o Caldo SAZÓN®, o sal e o AJI-NO-MOTO®, e cozinhe em fogo médio com a panela semitampada, por 30 minutos, ou até encorpar. 7. Regue o nhoque e sirva em seguida. Dica: cozinhe as batatas com casca, descasque-as e esprema-as ainda quentes.

4/19/12 8:58 AM


menu

Principal CROQUETE DE CARNE

6a9_Menu.rev.indd 8

MODO DE PREPARO 1. Em uma panela, coloque o óleo e leve ao fogo alto para aquecer. 2. Junte a carne já temperada com o SABOR A MI® e o tomate, e refogue por 10 minutos, ou até a carne mudar completamente de cor. 3. Acrescente a farinha de trigo misturada com o leite e deixe cozinhar por 5 minutos, ou até soltar do fundo da panela. 4. Espere esfriar e molde os croquetes. 5. Passe-os pelos ovos batidos e temperados com 1 pitada de SABOR A MI®, e depois pela farinha de rosca. 6. Frite-os em imersão, em óleo quente, por 2 minutos, ou até dourarem. 7. Escorra e sirva em seguida. PRATO

LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO - GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

INGREDIENTES 2 colheres (sopa) de óleo; 500 g de carne bovina moída; 1 colher (chá) de SABOR A MI® com Pimenta; 1 tomate médio picado; 2 colheres (sopa) de farinha de trigo; meia xícara (chá) de leite (100 ml); 2 ovos para empanar; meia xícara (chá) de farinha de rosca

 FÁCIL  45 MINUTOS

24

s ade unid rções) o p (8

Dica: use patinho moído duas vezes para que a textura do croquete fique mais leve.

4/19/12 8:58 AM


Acompanhamento CANJIQUINHA MINEIRA

CALDO VERDE INGREDIENTES 1 colher (sopa) de óleo; 6 batatas tipo inglesa, descascadas e cortadas ao meio (1 kg); 1 gomo de paio cortado em rodelas (200 g); meia colher (sopa) de RECEITA DE CASA™ Caseiro; 1 litro e meio de água; 1 sachê de Tempero SAZÓN® Sabor do Sul; folhas de meio maço de couve picada MODO DE PREPARO 1. Em uma panela de pressão, coloque o óleo e leve ao fogo alto para aquecer. 2. Junte as batatas, o paio e o RECEITA DE CASA™, e refogue rapidamente. 3. Regue com a água, tampe a panela e cozinhe por 15 minutos após o início da fervura. 4. Desligue o fogo, espere a pressão ceder e retire as batatas, com o auxílio de uma escumadeira. 5. Passe-as pelo espremedor e volte o purê obtido à panela. 6. Polvilhe com o Tempero SAZÓN® e deixe cozinhar por mais 15 minutos em fogo alto, com a panela semitampada. 7. Adicione a couve e cozinhe, em fogo médio por 10 minutos, ou até ficar macia. 8. Retire do fogo e sirva em seguida. Dica: se preferir, regue azeite de oliva antes de servir.  FÁCIL  1 HORA

6

LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO - TALHER, CLEUSA PRESENTES GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

ões

Principal

PRATO

8

porç

LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO - GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

PRATO

 FÁCIL  1 HORA (+ 6 HORAS DE MOLHO)

9

ões

porç

INGREDIENTES 1 e meia xícara (chá) de canjiquinha crua (220 g); 1 colher (sopa) de azeite de oliva; 2 dentes de alho amassados; meia cebola média picada; 5 xícaras (chá) de água (1 litro); 2 sachês de Caldo SAZÓN® Costela; 1 tomate grande, sem pele, picado (200 g); 1 batata média cortada em cubinhos (150 g); 1 mandioquinha grande picada (230 g); 1 cenoura grande picada (150 g); 1 batatadoce pequena picada (180 g); 1 colher (chá) de sal MODO DE PREPARO 1. Lave a canjiquinha e deixe de molho por 6 horas. Escorra e reserve. 2. Em uma panela média, coloque o azeite e leve ao fogo alto para aquecer. Junte o alho e a cebola, e refogue por 3 minutos, ou até a cebola murchar. 3. Acrescente a água e o Caldo SAZÓN®, e deixe cozinhar em fogo médio com a panela semitampada, por 15 minutos. 4. Adicione o tomate, a batata, a mandioquinha, a cenoura, a batata-doce e o sal, e cozinhe ainda com a panela semitampada, mexendo de vez em quando, por mais 20 minutos, ou até que os legumes estejam bem macios. 5. Retire do fogo e sirva em seguida, acompanhada de costelinhas de porco assadas. Dica: a canjiquinha é o milho quebrado, também conhecida como quirera de milho.

6a9_Menu.rev.indd 9

4/19/12 8:59 AM


hoje é dia de

A MASSA SIMPLES À BASE DE FARINHA E ÁGUA PODE GANHAR QUALQUER FORMATO E DIVERSOS RECHEIOS. É IMPOSSÍVEL RESISTIR A SEUS ENCANTOS

Q

uem inventou a pizza? Os italianos! Não, não. Essa história é muito mais antiga, ela vem de mais ou menos 5.000 anos antes de Cristo, e começou, de acordo com os historiadores, com a civilização egípcia. Calcula-se que foi na terra dos faraós que, pela primeira vez, fizeram uma mistura de farinha e água e colocaram para assar em fornos rústicos. Há registros de que também os gregos faziam algo parecido, assando a massa de farinha de trigo, arroz ou grão de bico sobre tijolos quentes. Não era a pizza redonda e recheada como a que conhecemos hoje. A adição de “sabores”, aliás, foi ideia dos fenícios, no século VII a.C., que acrescentaram carne e cebola à massa assada. A receita chegou à Itália somente na Idade Média, quando os turcos invadiram a península em forma de bota introduzindo alguns de seus costumes – entre eles, o consumo de pizza. A porta de entrada foi a cidade de Nápoles, que até hoje é considerada a capital mundial da pizza. No começo, a massa era temperada apenas com azeite e ervas. Quando os italianos começaram a incrementar os recheios, a pizza ainda era meio quadrada e costumava ser comida dobrada ao meio, como um sanduíche. No geral, eram ingredientes como peixes e queijos simples e sem muita qualidade, pois a pizza era a refeição para matar a fome da população de baixa renda. Embora na Itália ainda haja os cantinhos que vendem pizza em pedaços quadrados, a forma de disco foi uma evolução posterior. Na forma redonda, a pizza foi oferecida com ares de nobreza à rainha Margherita, no século XIX. O responsável foi o pizzaiolo Rafaelle Sposito, que, na ocasião, para homenagear a Itália, criou uma versão com as cores da bandeira nacional – usou o branco do queijo, o vermelho do tomate e o verde do manjericão, e batizou a receita com o nome da rainha, Margherita. Fez o maior sucesso. Os italianos não levam os louros pela criação da pizza, mas têm toda a gratidão dos brasileiros por terem trazido essa tradição para cá. Os imigrantes que desembarcaram em São Paulo no século XIX a popularizaram em suas colônias, especialmente no bairro paulistano do Brás. Hoje, a pizza existe em todos os Estados do país, mas ainda são os paulistanos os que mais a consomem. Estima-se que a cidade tenha cerca de 12.000 pizzarias e que nelas se consuma cerca de 1 milhão de pizzas por dia. Claro que nesse número não estão contabilizadas as pizzas que você pode fazer com as próprias mãos. A seguir, confira algumas receitas para se deliciar sem sair de casa. E lembre-se: dia 10 de julho é o Dia da Pizza!

10a13_Hoje é dia de 2.rev.indd 10

PIZZA DE RÚCULA INGREDIENTES 1 tablete de fermento biológico (15 g); meia colher (sopa) de açúcar; meia xícara (chá) de água morna (100 ml); 1 xícara (chá) de leite morno (200 ml); 2 colheres (sopa) de óleo; 1 sachê de Tempero SAZÓN® Laranja; meia colher (sopa) de SABOR A MI® sem Pimenta; 4 xícaras (chá) de farinha de trigo MOLHO – 4 tomates médios maduros, sem pele e sem sementes, picados (600 g); 1 sachê de Tempero SAZÓN® Laranja; meia colher (chá) de SABOR A MI® sem Pimenta RECHEIO – 200 g de mussarela ralada; 200 g de mussarela de búfala cortada em rodelas; 16 tomates-cereja cortados ao meio (200 g); folhas de meio maço de rúcula (40 g) MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela, coloque o fermento e o açúcar, e mexa até dissolver. Junte a água, o leite, o óleo, o Tempero SAZÓN® e o SABOR A MI®, e misture bem. 2. Acrescente a farinha de trigo, aos poucos, e sove até obter uma massa lisa e homogênea. 3. Cubra com um pano de prato limpo e deixe crescer por 1 hora, ou até dobrar de volume. 4. Prepare o molho: misture o tomate, o Tempero SAZÓN® e o SABOR A MI®. Reserve. 5. Abra a massa em dois discos de 30 cm de diâmetro, espalhe o molho de tomate e leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 10 minutos. 6. Distribua os dois tipos de mussarela e o tomate-cereja, e volte ao forno quente por mais 10 minutos, ou até derreter a mussarela. 7. Espalhe a rúcula e sirva em seguida. Dica: ao pré-assar os discos de pizza, não deixe dourar muito para que, depois de pronta, a massa da pizza não fique dura. PRATO

PIZZA

Rúcula

 FÁCIL  40 MIN. (+ 1 HORA, PARA CRESCER A MASSA)

2

as

pizz

4/19/12 8:59 AM


FOTO: RICARDO D’ANGELO – PRATO E ESPÁTULA, DRAGONETTI – GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

11

10a13_Hoje é dia de 2.rev.indd 11

4/19/12 8:59 AM


hoje é dia de

PRATO

GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

Pão de queijo

 MUITO FÁCIL  20 MIN. (+ 10 MINUTOS DE FORNO)

1

a pizz os) ç a d (4 pe

PIZZA DE PÃO DE QUEIJO INGREDIENTES 500 g de polvilho azedo, peneirado; 1 colher (chá) de SABOR A MI® Azeite & Ervas; 3 colheres (sopa) de óleo; 2 ovos; 150 ml de água quente; 1 dente de alho amassado; 20 folhas de escarola picadas (200 g); meia colher (chá) de AJI-NO-MOTO®; 3 colheres (sopa) de polpa de tomate; 1 lata de atum em óleo, escorrido; 3 tomates médios, sem sementes, cortados em rodelas finas (420 g); 1 e meia xícara (chá) de mussarela ralada grosso (150 g) MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela, coloque o polvilho, meia colher (chá) de SABOR A MI®, 2 colheres (sopa) de óleo e os ovos; misture bem. 2. Acrescente a água, aos poucos, e sove até obter uma massa lisa e homogênea. 3. Abra a massa, com o auxílio de um rolo, em um disco de 30 cm de diâmetro e leve ao forno quente por 15 minutos, ou até a massa começar a dourar. 4. Enquanto isso, prepare o recheio: em uma panela, coloque o óleo restante e leve ao fogo alto para aquecer. Junte o alho e refogue por 1 minuto, ou até dourar. 5. Acrescente a escarola, o SABOR A MI® restante e o AJI-NO-MOTO®; refogue por 3 minutos, ou até murchar. 6. Espalhe sobre a massa a polpa de tomate, o refogado de escarola, o atum, as rodelas de tomate e, por último, a mussarela. Leve ao forno quente por 10 minutos, ou até derreter a mussarela. 7. Retire do forno e sirva em seguida. Dica: esta receita é uma opção para quem tem intolerância ao glúten (celíacos) ou que, de alguma forma, precisa restringi-lo em sua dieta.

Frango PIZZA DE FRANGO INGREDIENTES 2 colheres (sopa) de óleo; meia cebola pequena picada; 400 g de peito de frango, sem pele e sem osso, cozido e desfiado; 2 envelopes de VONO® Queijo com Tomate e Manjericão; meia colher (chá) de sal; 2 colheres (sopa) de água; 1 tomate pequeno cortado em cubinhos; 4 tabletes de queijo processado UHT (80 g), picadinho; 1 disco de pizza pré-assado (28 cm); 4 colheres (sopa) de polpa de tomate

ou até ficar transparente. 2. Acrescente o frango, meio envelope de VONO® e o sal; frite por 2 minutos. Regue com a água, misture e cozinhe por 1 minuto. 3. Retire do fogo e reserve. 4. Em uma tigela, coloque o tomate, o queijo e a VONO® restante; misture bem. 5. Sobre o disco de pizza, espalhe a polpa de tomate e, por cima, disponha o frango reservado. Salpique a mistura de queijo e tomate, e leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 10 minutos ou até o queijo começar a dourar. 6. Retire do forno e sirva em seguida.

MODO DE PREPARO 1. Em uma panela média, coloque o óleo e leve ao fogo alto para aquecer. Junte a cebola e refogue por 1 minuto,

Dica: o queijo processado é encontrado na maioria dos supermercados e é vendido em cartelas com 2, 4 ou 8 tabletes.

10a13_Hoje é dia de 2.rev.indd 12

4/19/12 9:00 AM


1

a pizz s) rçõe

(4 po

Enrolada PIZZA ENROLADA INGREDIENTES MASSA – 2 tabletes de fermento biológico (30 g); meia colher (sopa) de açúcar; 2 ovos; meia xícara (chá) de óleo; 1 xícara (chá) de leite em temperatura ambiente; 1 colher (chá) de RECEITA DE CASA™ com Pimenta; 2 xícaras (chá) de farinha de trigo; 2 xícaras (chá) de farinha de trigo integral; 1 ovo batido para pincelar RECHEIO – 1 colher (sopa) de azeite de oliva; 3 tomates médios, sem sementes, em cubos; meia colher (chá) de RECEITA DE CASA™ com Pimenta; 1 colher (sopa) de orégano; 300 g de presunto ralado em ralo grosso; 300 g de mussarela ralada em ralo grosso MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela, dissolva o fermento no açúcar e junte os ovos. 2. Acrescente o óleo e o leite, e tempere com o RECEITA DE CASA™. 3. Adicione as farinhas de trigo,

10a13_Hoje é dia de 2.rev.indd 13

PRATO

 FÁCIL  30 MIN. (+ 25 MINUTOS DE FORNO)

TECIDO, DONATELLI TECIDOS

PRATO

BANDEJA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO – CORTADOR DE PIZZA, DRAGONETTI – GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

13

 FÁCIL  1 HORA E 20 MIN. (+ 40 MINUTOS DE FORNO)

2

as

pizz

aos poucos, até obter uma massa uniforme que se desprenda das mãos. Sove bem a massa e transfira para uma tigela. Cubra e deixe dobrar de volume. 4. Enquanto isso, prepare o recheio: em uma panela, aqueça o azeite em fogo alto, junte o tomate, o RECEITA DE CASA™ e o orégano, e refogue rapidamente. Retire do fogo e deixe esfriar. 5. Monte a pizza: divida a massa em duas partes e disponha em uma mesa enfarinhada. Abra com um rolo, formando dois retângulos. 6. Espalhe metade do tomate, do presunto e da mussarela em cada uma delas. 7. Deixe o espaço de 1 cm nas bordas e enrole como um rocambole. Feche as laterais para não extravasar o recheio e coloque em assadeiras untadas. 8. Pincele a superfície com o ovo batido e leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 40 minutos ou até dourar a superfície. 9. Retire do forno e sirva em seguida. Dica: caso não consuma presunto, substitua-o por mais 200 g de mussarela ralada.

4/19/12 9:01 AM


giro

SE LIGA EM

LONDRES

A CAPITAL DA INGLATERRA RECEBERÁ MILHÕES DE TURISTAS DURANTE A OLÍMPIADA, MAS SERÁ “VISITADA” TAMBÉM POR QUEM NÃO VAI SAIR DE CASA

C

om a realização dos Jogos Olímpicos em Londres, que acontecem de 27 de julho a 12 de agosto, vai ser impossível não dar uma “viajada” pela capital da Inglaterra. Mesmo sem sair de casa. Pela televisão, por jornais e revistas, o espírito britânico vai permear o dia a dia do todos aqueles que gostam de acompanhar as competições esportivas. Além de ver os melhores atletas do mundo em ação, será possível dar uma espiada na terra da rainha Elizabeth II. Alguns costumes bem tradicionais, como a troca da guarda em frente ao Palácio de Buckingham, onde vive a família real, e os pontos turísticos mais famosos de Londres poderão ser vistos nos noticiários e serão cenário de muitas competições. Confira quais são eles e saiba reconhecê-los quando estiver assistindo aos eventos olímpicos.

14a17_Giro Londres 4.rev.indd 14

4/13/12 10:20 AM


15 RAINHA ELIZABETH II (1) Coroada em 1952, Elizabeth II, que hoje tem 85 anos e comemora 60 anos de reinado, chamado o Jubileu de Diamante. Ela é mãe do príncipe Charles e avó do príncipe William, que, no ano passado, chamou a atenção do mundo todo para seu casamento com Kate Middleton.

PALÁCIO DE BUCKINGHAM (2) Construído em 1703, é a residência oficial da família real desde 1837. Durante a Segunda Guerra Mundial, foi bombardeado sete vezes pelos nazistas alemães. Totalmente reconstituído, o edifício, que ocupa 77.000 metros quadrados, atrai milhares de turistas para assistir à troca da guarda, que ocorre diariamente às 11h30, pontualmente, claro. 1

TOWER BRIDGE (3) A ponte que atravessa o Rio Tâmisa foi construída em 1894 e hoje é um dos trechos de tráfego mais importantes entre o leste e o oeste da cidade. Quando necessário, o fluxo de carros é interrompido e suas duas metades se abrem em elevação para permitir a passagem de navios de grande calado. Em suas torres há luxuosos salões, onde acontecem jantares e até festas de casamento.

2

BIG BEN (4) A pontualidade é um dos traços mais marcantes da cultura britânica. O hábito de não se atrasar – nem se adiantar – para um compromisso com hora marcada está materializado na torre do relógio do Palácio de Westminster (também chamado de Casa do Parlamento). As badaladas do Big Ben – sino de 13 toneladas que toca a cada hora cheia no relógio – seriam outro cartão-postal, se pudessem ser fotografadas.

3

LONDON EYE (5) Uma das atrações turísticas mais modernas nessa cidade tão apegada às tradições centenárias é a roda gigante inaugurada em 1999. Na época, era a maior do mundo, com 135 metros de altura, mas perdeu o título em 2006 para uma concorrente na China (com 160 metros de altura). Mas ainda continua sendo um dos lugares com a melhor vista panorâmica de Londres.

Cartões-postais: os principais pontos turísticos ingleses poderão ser vistos permeando o noticiário sobre os Jogos Olímpicos

14a17_Giro Londres 4.rev.indd 15

4/13/12 10:21 AM


giro

4 5

PARQUE OLÍMPICO (6) Abriga os ginásios, as quadras e as arenas principais do evento. O Estádio Olímpico sediará as provas de atletismo e as cerimônias de abertura e de encerramento dos jogos. Por ali também ficam o Centro Aquático para as provas de natação, os saltos ornamentais e o nado sincronizado; a Copper Box (Caixa de Cobre), com quadras de basquete e handebol; e o Velódromo, para o ciclismo. As obras do Parque Olímpico regeneraram Stratford, decadente centro industrial, e são exemplo de arquitetura verde: o solo foi descontaminado para abrigar 120.000 plantas. • Atletismo – de 3 a 15 de agosto • Basquete – de 28 de julho a 12 de agosto • Handebol – de 28 de julho a 12 de agosto • Nado Sincronizado – de 5 a 10 de agosto • Natação – de 28 de julho a 4 de agosto • Salto Ornamental – de 29 de julho a 11 de agosto

6

14a17_Giro Londres 4.rev.indd 16

4/13/12 10:21 AM


17 Somente na Inglaterra: o ônibus de dois andares, a troca da guarda e a noiva Kate, na carruagem com seu príncipe William

HYDE PARK O maior parque de Londres sediará as provas de Maratona Aquática e Triatlo, na Olimpíada. Os competidores nadarão em meio a patos e gansos que habitam os 10 quilômetros de extensão do Serpentine Lake, e os triatletas ainda pedalarão 40 quilômetros e correrão outros 10 quilômetros por uma pista montada ali mesmo. • Maratona Aquática – 9 de agosto (feminino) e 10 de agosto (masculino) • Triatlo – 4 de agosto (feminino) e 7 de agosto (masculino)

WIMBLEDON Desde 1877, as 19 quadras de Wimbledon foram palco para a desdita e a fortuna dos melhores jogadores de tênis do mundo. Sobram tradição, história e até superstições: a “velha quadra número 2” é apelidada de “cemitério de campeões” porque várias vezes assistiu a derrotas prematuras de favoritos, como Andre Agassi e Pete Sampras. • Tênis – de 28 de julho a 5 de agosto

EXCEL O centro de conferência ExCel sediará cinco esportes de combate: boxe, judô, esgrima, tae kwon do e luta greco-romana. Também as competições de tênis de mesa, de levantamento de peso e de boccia. • Judô – de 28 de julho a 3 de agosto • Boxe – de 28 de julho a 12 de agosto

THE MALL A avenida que vai do Palácio de Buckingham a Trafalgar Square terá um grande agito quando passarem por ali os maratonistas e ciclistas. • Ciclismo de resistência – 28 de julho (masculino) e 29 de julho (feminino) • Maratona – 5 de agosto (feminina) e 12 de agosto (masculina)

14a17_Giro Londres 4.rev.indd 17

4/13/12 10:21 AM


bem-estar

ESCUTE AQUI!

MÚSICA ALTA, BARULHO EM EXCESSO E ESTRESSE PODEM PREJUDICAR SUA AUDIÇÃO. SAIBA COMO MANTER A SAÚDE DE SEUS OUVIDOS

O

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que mais de 9 milhões de brasileiros têm algum tipo de deficiência auditiva. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), há pelo menos 800 milhões de pessoas no mundo com alguma perda de audição e esse número deve crescer para 1,1 bilhão até 2015. O uso incorreto dos fones de ouvido é um dos principais motivos para esse aumento. De jovens escutando música em um tocador de MP3 a executivos conversando ao celular, todos correm o mesmo risco de ensurdecer, se não respeitarem alguns limites em seus fones. E nada tem a ver com a idade avançada. “Pessoas com menos de 30 anos estão apresentando problemas antes de seus pais e avós”, afirma Talita Donini, fonoaudióloga da Phonak, empresa que desenvolve soluções para melhorar a qualidade

18e19_Bem estar.rev.indd 18

de vida de usuários de aparelho auditivo. “Se usando os fones não for possível ouvir as vozes de quem está ao redor é sinal de que o volume está excessivamente alto. Para se ter uma ideia, um show ao vivo costuma emitir 100 decibéis, mas há gente que coloca um tocador de música para reproduzir o mesmo show em altíssimos 120 decibéis.” O correto, explica, é regular o som na escala intermediária (se a marcação for de zero a 10, por exemplo, coloque no volume 5). As academias de ginástica, dedicadas à saúde, contraditoriamente podem ser um ambiente

4/13/12 3:40 PM


19 insalubre. Além de um corpo sarado, os frequentadores podem adquirir um problema nos ouvidos chamado Perda Auditiva Induzida por Ruído. Nas salas de ginástica, o barulho pode chegar a 110 decibéis, por causa da música usada pelos professores para estimular os alunos a entrar no ritmo da malhação. “Nesses casos, o tempo de exposição não deve passar de 30 minutos. Do contrário, a pessoa pode sofrer danos auditivos cumulativos ao longo da vida”, explica a fonoaudióloga Isabela Gomes, da Telex Soluções Auditivas. “Para evitar ou pelo menos atenuar os danos à audição, o melhor é usar protetores auriculares (os chamados “tampões”).” A exposição ao barulho de obras e do trânsito, principalmente nas grandes cidades, também pode ser muito prejudicial. O ideal é ficar exposto a um som de 85 decibéis (equivalente a uma avenida movimentada), por 8 horas no máximo. Talita ensina que, todos os dias, é importante respeitar os intervalos de repouso sonoro – um período de cerca de 2 horas dedicado ao silêncio. Geralmente, à noite a barulheira dá um descanso. Mas os ouvidos estão “ligados” mesmo durante o sono: se houver muito ruído onde você estiver dormindo, não hesite também em colocar os protetores auriculares. Sentir o ouvido tampado, incômodo e dor de cabeça são sinais de superexposição que indicam a hora de mergulhar um pouco em silêncio.

Mas, no caso de dificuldade para se comunicar e para ouvir ao telefone, irritação e falta de atenção, podem ser sintomas de uma perda auditiva. Ao se ver nessas situações, deve-se procurar um médico otorrinolaringologista. “Por ser um problema que se agrava gradualmente, as pessoas levam em média sete anos entre detectar a perda auditiva e o início do tratamento. Todos deveriam fazer o exame de audiometria pelo menos uma vez ao ano, por prevenção”, diz a especialista. Alimentar-se bem também ajuda a manter a saúde auditiva. Doenças como o diabetes ou aquelas provocadas pelo estresse, como crise de pressão alta, problemas circulatórios e vasculares, podem levar a casos de surdez súbita, à perda repentina da audição, que muitas vezes não tem volta. Se faltavam motivos, aqui está mais um para maneirar na ingestão de sal e açúcar e buscar fazer refeições balanceadas e nutritivas.

OUÇA BEM • Guarde sempre os fones em uma embalagem para não acumular sujeira, o que pode gerar contaminação dos ouvidos. • Respeite intervalos de repouso sonoro, em ambiente silencioso, de uma a duas horas por dia. • No carro, feche as janelas para que o som do rádio não compita com o barulho de fora. Assim você não precisa aumentar o volume para ouvir suas músicas ou notícias no trânsito. • Se puder fazer uma opção, dê preferência aos modelos de fones supra-aurais (aqueles grandes e acolchoados), que tendem a ser menos nocivos que o fone de inserção. • Use protetores auditivos quando recomendado, principalmente em locais de trabalho que causam risco à audição pela exposição a altos níveis de intensidade sonora. • Cuidado com o cotonete: ele deve ser usado para a limpeza do excesso de cera na parte externa do ouvido e para secar a orelha. Não deve ser introduzido no canal. • Ao tirar os fones, caso sinta abafamento, zumbido (chiado, apito ou qualquer outra sensação sonora) ou dor, cuidado: são sinais de superestimulação. • Controle o som do seu MP3, TV ou som do carro, procurando manter na escala média o volume do aparelho. • Evite exposição prolongada a sons de forte intensidade. Veja a tebela de limites. INTENSIDADE

EXEMPLO

LIMITE DE EXPOSIÇÃO

40 dB 65 dB 75 dB 85 dB 100 dB 120 dB 140 dB

Biblioteca silenciosa Fala normal Conversa alta Trânsito Buzina de carro Casa noturna Decolagem de avião

Ilimitado Ilimitado Ilimitado 8 horas 1 hora 6 minutos Zero minuto

18e19_Bem estar.rev.indd 19

4/13/12 3:40 PM


sua casa

Decupagem: uma mão de tinta e uma de cola

Reciclar é lindo APRENDA A TRANSFORMAR RECIPIENTES QUE IRIAM PARA O LIXO EM ORGANIZADORES PARA A COZINHA OU ENFEITES PARA SUA CASA

U

ma lata de leite, um pote de sorvete, um vidro de palmito... O que você faz com esses recipientes depois de usar o produto que havia neles? Antes de olhar para a lata de lixo, pare e pense para quantas coisas eles seriam úteis. Só na cozinha, eles podem servir como suporte para talheres, porta-temperos e organizadores que, com um pouco de capricho, ainda vão enfeitar sua casa. E outra: você estará fazendo sua parte no compromisso ecológico que todos temos com a reciclagem. Afinal, reaproveitar é uma forma de reciclar. A artesã Malu Frare ensina uma técnica bem versátil, que pode ser aplicada tanto em objetos de metal, como de plástico e de vidro, ou mesmo de madeira. Chamada decupagem, é quase uma brincadeira de recortar e colar. Para um acabamento mais bonito, Malu usou também a pintura, e alguns pequenos truques de profissional. “Antes de aplicar a tinta, é bom passar

20e21_Sua casa.rev.indd 20

uma camada de primer, um tipo de resina que ajuda a dar aderência e não deixa a tinta escorrer. Um potinho custa menos de 10 reais e dá uma diferença e tanto no resultado final”, diz. Ela também explica que dilui a cola branca em água, numa proporção de meio a meio, para facilitar a fixação das gravuras. “A cola muito espessa pode estragar o papel ou fazê-lo enrugar. Diluída, ela espalha mais e penetra melhor nas fibras do papel, que ficam mais abertas em contato com a água.” As figuras que você vai usar, aliás, podem ter diversas origens. Para SABORES Ajinomoto, Malu optou por guardanapos de papel, mas conta que também dá certo com retalhos de tecido, papel de presente e até recortes de revista ou jornal. “Nesse último caso, é preciso tomar cuidado para não borrar a tinta impressa no papel. A mesma coisa pode acontecer se usar folhas de sulfite estampadas em impressoras comuns. Se quiser usar alguma imagem bonita que encontrou na internet, procure uma papelaria que possa fazer a impressão a laser”, diz. Além de reaproveitar os recipientes na cozinha, você pode criar soluções para arrumar a casa toda. Um pote de achocolatado pode virar um porta-lápis para a escrivaninha das crianças ou um suporte para colocar pentes e escovas de cabelo sobre a pia do banheiro; um latinha de atum pode servir para separar bijuterias e acessórios de cabelo dentro da gaveta. E assim por diante. Libere a imaginação!

4/13/12 10:18 AM


21

PASSO 1 Aplique uma camada da resina em toda a volta do recipiente e, em seguida, aplique a tinta colorida dando leves batidinhas com o pincel. Dica: você também pode usar uma esponjinha para dar esse efeito.

Você vai precisar de: • Um recipiente sem rótulo (lata de leite, achocolatado ou de atum; pote de sorvete ou de margarina; vidro de palmito, de geleia ou de azeitona etc.) • Um pincel chato (para aplicar a resina, a tinta e a cola), um pincel chanfrado (para aplicar a tinta colorida) e um pincel fino (para dar o acabamento) • Um recorte de gravura (guardanapo, papel de presente, folha de revista, papel sulfite etc.)

Fotos: Carol Gherardi

• Cola branca diluída em água (meio a meio) • Primer (tipo de resina para dar aderência) • Tinta acrílica ou PVA, na cor que quiser • Uma fita para dar acabamento (palha, uma tira de tecido, uma fita de embrulhar presente etc.)

20e21_Sua casa.rev.indd 21

PASSO 2 Posicione a gravura no lugar desejado e, com o pincel, aplique por cima do papel a cola diluída. Se for um tipo de papel muito grosso, passe antes uma camada de cola no verso. Dica: comece pelo centro e vá espalhando a cola de dento para fora.

PASSO 3 Com o pincel fino, dê na pintura os retoques que achar necessário. Dê acabamento com a fita amarrando-a na borda do recipiente com um lacinho.

4/13/12 10:19 AM


entrevista

Ela é superpoderosa PRIMEIRA MULHER A ENCARAR A DISPUTA PELA AUDIÊNCIA DOMINICAL DA TV, ELIANA VIVE NESTE ANO A PÁSCOA E O DIA DAS MÃES MAIS ESPECIAIS DE SUA VIDA

O

ano de 2012 está sendo especialmente marcante para a apresentadora Eliana. Nesta Páscoa, ela viveu a experiência que considera a mais inebriante de sua vida: subiu até o ombro do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. “Já realizei várias matérias ao longo destes 22 anos de carreira, mas, emoção como essa nunca senti!”, disse a SABORES Ajinomoto. E, neste mês de maio, será a primeira vez que passará o Dia das Mães com um filho nos braços. O começo de sua carreira foi logo na infância, participando de desfiles e comerciais. Aos 14 anos, participou como cantora no programa Qual É a Música?, do SBT. Ao conhecê-la, o “chefão” Sílvio Santos a convidou para trabalhar como apresentadora de programas infantis, e assim ela tomou a frente de Festolândia, Sessão Desenho com Eliana, Bom Dia e Cia., Eliana & Cia. e TV Animal. Em 1998, assinou com a Rede Record, e a cada passo foi ganhando o carinho e a audiência do público infantil, com programas como Eliana & Alegria e Eliana no Parque. Logo, seu sucesso com as crianças transbordou o meio televisivo. Seus 15 CDs e quatro DVDs, com conteúdo para divertir e ajudar na educação da meninada, já venderam mais de 3 milhões de cópias. E na área de licenciamento, a marca Eliana soma mais de 180 itens, de brinquedos a cosméticos. A apresentadora ampliou seu público ao estrear, em 2005, no comando de Tudo É Possível, uma atração da Rede Record para toda a família, nas tardes de domingo. O êxito como a primeira mulher nessa “guerra de audiência” fez com que, em junho de 2009, Sílvio Santos a convidasse para voltar ao SBT com o programa Eliana. “Foi um baita reconhecimento. Tive a honra de ser pioneira na disputa acirrada nas tardes de domingo, antes ocupadas apenas por homens. Segredo? Muitas horas de trabalho e um

22a25_Entrevista 11.rev.indd 22

pouco de sorte!” Em 2011, ela ganhou o Troféu Imprensa das mãos de Sílvio Santos como A Melhor Apresentadora de 2010. Seu carisma para “entrar” nas casas de família também funciona para arrastar multidões. Apesar de paulistana, Eliana já liderou diversas vezes, no carnaval de Salvador, o bloco Happy, sem deixar nada a desejar em relação à animação das cantoras baianas. Em cima do trio elétrico, ela arrasta em média 4.000 foliões em um ambiente bem familiar – afinal, o espaço é dedicado especialmente às crianças, que vão acompanhadas dos pais e até dos avós para cantar e dançar entre confetes e serpentinas. Neste ano, porém, Eliana pulou o carnaval de forma mais tranquila. Seu filho, Arthur, ainda bebê, foi o foco de toda a dedicação da mamãe e do papai, João Marcelo Bôscoli. “Agora, penso primeiro no Arthur, antes de pensar em mim”, afirma. “Hoje tenho uma pessoinha que

4/18/12 11:06 AM


23 DUAS DÉCADAS EM FRENTE ÀS CÂMERAS 1991 – Durante sete anos, Eliana permaneceu no SBT com grande êxito, apresentando os programas: Festolândia, Sessão Desenho com Eliana, Bom Dia e Cia., Eliana & Cia. e TV Animal.

FESTOLÂNDIA

BOM DIA E CIA.

TV ANIMAL

1998 – Na Rede Record, esteve à frente de programas como Eliana & Alegria, Eliana na Fábrica Maluca, Programa Eliana e Eliana no Parque.

ELIANA & ALEGRIA

FÁBRICA MALUCA

2004 – Eliana se reinventa e passa a comandar, em agosto do ano seguinte, Tudo É Possível, voltado para toda a família. 2005 – Nas telonas, Eliana concretizou o sonho de protagonizar e produzir o longametragem Eliana em O Segredo dos Golfinhos. 2008 – Ela recebe o prêmio Personalidade do Ano na Televisão. Foi escolhida A Melhor Apresentadora de TV de 2008 e 2009, do Troféu Imprensa Internet.

2009 – Sílvio Santos a convida para dividir com ele os domingos do SBT. Desde o final de agosto de 2009, está no ar o programa Eliana. 2011 – Ganhou o Troféu Imprensa das mãos de Sílvio Santos como A Melhor Apresentadora de 2010.

22a25_Entrevista 11.rev.indd 23

4/18/12 11:06 AM


entrevista

depende de mim, do meu bem-estar, de um lar saudável, de paz e, acima de tudo, de atenção e amor. Do mesmo modo que muitas mães que trabalham fora, meus fins de semana são dedicados ao Arthur. Só o fato dele existir já me faz uma mulher mais forte e feliz.” Eliana mantém outros empreendimentos paralelos à atividade na TV: a editora de livros com foco em cultura e entretenimento, a Master Books, e seu portal de estilo de vida, DaquiDali. Ela conta que, ao saber que estava grávida, procurou mudar o comportamento e buscar um novo equilíbrio para a vida de empresária, apresentadora e mãe. Especialmente em relação à alimentação. “Quando se tem uma agenda cheia, é difícil manter horários definidos para se alimentar com regularidade. Mas no momento em que soube que estava grávida, procurei seguir comendo de três em três horas. Janto muito cedo, no máximo às 8 da noite, e bebo muita água. Além de receitinhas para desinchar, como suco de couve com limão.” Apesar de anos de convivência estreita com o público infantil, tem coisas que apenas a maternidade pôde lhe ensinar. “Aprendi com meu filho que o tempo passa rápido demais e que não devo me preocupar com bobagens e viver intensamente. Parece que foi ontem o nascimento, no entanto, hoje, ele já está engatinhando e balbuciando algumas palavras. Viva o milagre da vida.” Mudanças na alimentação começaram logo que soube da gravidez: disciplina para o bem-estar

“Hoje tenho uma pessoinha que depende de mim, do meu bem-estar, de um lar saudável, de paz e, acima de tudo, de atenção e amor” 22a25_Entrevista 11.rev.indd 24

4/18/12 11:06 AM


lançamentos

25

APROVEITE SEU MOMENTO CORUJA A partir de junho, nos principais supermercados de todo o país, a Ajinomoto colocará à venda um kit promocional contendo dez sabores diferentes da sopa VONO® e uma caneca grátis. São três modelos diferentes com as corujinhas estampadas para você colecionar. As personagens convidam os consumidores para um “momento coruja”: hora em que vão, enfim, relaxar e alimentar-se de forma leve e saborosa. E não é que aquele cheirinho de sopa VONO® quentinha tem tudo a ver com o fim da tarde e o comecinho da noite? A marca aposta também em receitas com VONO®, para deixar ainda mais gostosos pratos rápidos e super práticos de fazer, perfeitos para quem gosta de diversificar o lanche ou o jantar. O macarrão instantâneo feito com VONO®, estampado na lateral do pack promocional, é um dos deliciosos exemplos que os consumidores podem encontrar na fanpage de VONO® no Facebook (www.facebook.com/sopasvono).

SAZÓN NA TV Você já sabe: SAZÓN® é a marca do amor. Por isso, com a proximidade do Dia das Mães, a Ajinomoto está colocando no ar duas ações para reforçar a importância do amor na preparação das refeições. Fique de olho na telinha: SAZÓN® vai estrelar um comercial que mostra o quão prazeroso um almoço em família pode ser e convida o telespectador a curtir mais os momentos simples da vida, como conversar, rir e reunir a família para uma deliciosa refeição. Afinal, tem maneira mais gostosa de fortalecer a união familiar do que reunir pais e filhos à mesa para saborear uma comidinha temperada com amor? Confira o comercial e o making of no site www.sazon.com.br O Tempero e o Caldo SAZÓN®, também vão marcar presença no quadro A Chef do Bairro, apresentado por Edu Guedes no programa Hoje em Dia, da Rede Record. Trata-se de uma competição entre cozinheiras de mão-cheia, que vão disputar um prêmio de 5.000 reais, exibindo todo o seu talento para preparar suas especialidades. O quadro estreou com os inscritos de São Paulo, mas ainda contará com a participação de concorrentes de outras oito cidades. Para participar, acesse o site www.entretenimento.r7.com/hoje-em-dia, e mande agora mesmo sua receita.

22a25_Entrevista 11.rev.indd 25

4/18/12 11:06 AM


vida saudável

AS FIBRAS TÊM PODER

IMPORTANTES REGULADORES DO NOSSO ORGANISMO, ELAS ESTÃO PRESENTES EM FRUTAS, VERDURAS E GRÃOS E DEVEM FAZER PARTE DO CARDÁPIO DE TODAS AS REFEIÇÕES

E

scolher alimentos ricos em fibras parece ser uma boa ideia, mas é preciso entender por que. Existem dois tipos de fibras alimentares: as solúveis e as insolúveis. As primeiras são encontradas na polpa de frutas e legumes. Quando interagem com os líquidos do estômago e do intestino, formam uma espécie de “gelatina”, que prolonga o tempo de absorção da glicose, fazendo-nos demorar mais para sentir fome novamente. As outras estão presentes nas cascas das frutas, nos grãos e cereais integrais e nas verduras. Elas têm a capacidade de absorver a água e ajudam o intestino a funcionar. As fibras também são grandes aliadas nas dietas de emagrecimento. Como não são digeridas pelas enzimas do nosso organismo, elas não nos fornecem calorias. Sua função, portanto, é mais reguladora do que nutricional: elas retardam o esvaziamento gástrico (mantendo por mais tempo a sensação de saciedade) e aceleram o trânsito intestinal (evitando a prisão de ventre). Ao passar pelo sistema digestivo leva junto os excessos que devem ser eliminados do corpo, baixando os níveis de colesterol e açúcar no sangue. Mas, conforme explica a nutricionista Cynthia Antonaccio, da Equilibrium Consultoria, é muito

26a29_Vida saudavel 15.rev.indd 26

importante associar o consumo de fibras à ingestão de água, que ajuda a lubrificar o canal intestinal para que as fibras transitem com mais facilidade. “Sem a água, as fibras podem dar o efeito contrário, causando constipação intestinal.” De acordo com o Guia Alimentar da População Brasileira, Cynthia recomenda que a ingestão diária para os adultos é de 25 a 35 gramas de fibras. Para se ter uma ideia da quantidade presente nas fontes mais ricas, 100 gramas de goiaba contêm cerca de 6 gramas de fibras; a mesma quantidade de beterraba, cerca de 3,5 gramas; e de brócolis, 3 gramas. Para atingir a meta diária, procure incluir frutas, legumes ou grãos em todas as refeições, lembrando, sempre, de beber bastante líquido.

AS FIBRAS E SUAS PROPRIEDADES ALIMENTOS

FRUTAS E LEGUMES

GRÃOS, CEREAIS E VERDURAS

TIPO

BOM PARA

SOLÚVEIS

Retardo na absorção de glicose, redução no esvaziamento gástrico (maior saciedade), diminuição dos níveis de colesterol sanguíneo e proteção contra o câncer de intestino

INSOLÚVEIS

Aceleração do trânsito intestinal, pois absorve água e facilita a eliminação do bolo fecal

4/13/12 3:44 PM


FOTO: RICARDO D’ANGELO – TRAVESSA VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO – MOLHEIRA, SUXXAR GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

27

Salada SALADA DA GAROTADA INGREDIENTES Folhas de meio pé de agrião; 1 tomate pequeno cortado em rodelas; 12 ovos de codorna cozidos; 1 cenoura pequena ralada MOLHO – 1 colher (sopa) de suco de limão; 2 colheres (sopa) de azeite de oliva; 3 colheres (sopa) de água; 1 colher (chá) de mel; 1 colher (chá) de gengibre ralado; 1 colher (sopa) de linhaça triturada; 1 sachê de Tempero SAZÓN® Salada; 1 pitada de sal

Dicas: 1. Esta receita pode ser preparada pela própria criança, desde que seja supervisionada por um adulto. E, além disso, você pode incentivar as crianças a montar pratos criativos com os ingredientes da salada. 2. Se preferir, corte os ovos de codorna ao meio.

26a29_Vida saudavel 15.rev.indd 27

PRATO

MODO DE PREPARO 1. Forre o fundo de uma travessa com o agrião e, por cima, disponha o tomate, os ovos e a cenoura. 2. Prepare o molho: em uma tigela pequena, coloque o suco de limão, o azeite, a água, o mel, o gengibre, a linhaça, o Tempero SAZÓN® e o sal; misture bem. 3. Sirva a salada com o molho à parte.

 MUITO FÁCIL  15 MINUTOS

4

ões

porç

4/13/12 3:45 PM


BOWL, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO – GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

vida saudável

Entrada DIP DE GRÃO DE BICO INGREDIENTES 2 xícaras (chá) de grão de bico (250 g); 2 colheres (sopa) de azeite de oliva; 1 cebola pequena picada; 2 dentes de alho amassados; 1 pimentão verde pequeno picado; 1 tomate médio, sem sementes, picadinho; 2 sachês de Tempero SAZÓN® Marrom; 1 colher (chá) de AJI-SAL® Pimenta; 2 colheres (chá) de mostarda

PRATO

MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela, coloque o grão de bico, cubra com 1 litro de água e deixe descansar por 6 horas, trocando a água uma vez. 2. Escorra o grão de bico, transfira para uma panela de pressão, regue com 1 litro de água e cozinhe por cerca de 15 minutos após o início da fervura, ou até ficar macio. 3. Escorra e reserve o grão de bico e meia xícara (chá) do caldo do cozimento. 4. Em uma panela média, coloque o azeite e leve ao fogo alto para aquecer. 5. Acrescente a cebola e o alho, e deixe dourar levemente. 6. Junte o pimentão e cozinhe em fogo médio por cerca de 2 minutos, ou até começar a murchar. Retire do fogo e deixe esfriar. 7. No copo do processador de alimentos, coloque o refogado, o grão de bico e o caldo do cozimento reservado; bata até formar um purê. 8. Desligue o processador, transfira o patê para uma tigela e misture o tomate. 9. Polvilhe com o Tempero SAZÓN® e o AJI-SAL®, junte a mostarda e mexa até que fique homogêneo. Sirva frio.

 FÁCIL  20 MIN. (+ 6 HORAS, PARA DESCANSAR)

26a29_Vida saudavel 15.rev.indd 28

8

ões porç

Dica: 1. Caso não caibam todos os ingredientes de uma só vez no copo do seu processador, bata-os aos poucos. 2. Essa receita é rica em fibras solúveis (grão de bico) e insolúveis (pimentão e tomate) e, por isso, é uma opção saudável de patê.

4/13/12 3:45 PM


5

ões

porç

Principal HAMBÚRGUER DE FRANGO COM AVEIA AO MOLHO DE TOMATE INGREDIENTES 800 g de filés de peito de frango picadinhos; 1 xícara (chá) de aveia em flocos finos (100 g); 1 sachê de Caldo SAZÓN® Galinha; 1 colher (chá) de sal; 2 colheres (sopa) de azeite de oliva; 3 tomates grandes maduros, sem sementes, picados (500 g); meia xícara (chá) de polpa de tomate; meia xícara (chá) de água (100 ml); 1 sachê de Tempero SAZÓN® Sabor do Nordeste MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela média, coloque o frango, meia xícara (chá) de aveia, o Caldo SAZÓN® e meia colher (chá) de sal; misture bem. 2. Divida a massa em 10 partes e, com as mãos úmidas, molde 10 hambúrgueres. 3. Passe-os pela aveia restante e reserve. 4. Em uma frigideira grande, aqueça metade do azeite em fogo alto e frite os

26a29_Vida saudavel 15.rev.indd 29

hambúrgueres, aos poucos, por aproximadamente 5 minutos de cada lado, ou até dourarem, repondo o azeite restante quando necessário. 5. Escorra e reserve aquecidos. 6. Na mesma frigideira, coloque o tomate, a polpa de tomate e a água; polvilhe com o Tempero SAZÓN® e com o restante do sal. 7. Cozinhe por 2 minutos em fogo médio, regue os hambúrgueres e sirva em seguida. Dica: 1. O frango deve ser picado bem miúdo para que se consiga moldar os hambúrgueres e para que fiquem com aparência homogênea. 2. O tomate, por ser rico em licopeno, tem ação antioxidante e, quando cozido, aumenta a biodisponibilidade dessa substância. 3. A aveia contém fibras que auxiliam o funcionamento intestinal, além de diminuir a absorção de colesterol ruim pelo organismo.

LOUÇA, VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO – JOGO AMERICANO, TRAVESSA VILLEROY & BOCH ANDREA ARAUJO – MOLHEIRA, SUXXAR – GUARDANAPO, ROUPA DE MESA – TECIDO, DONATELLI TECIDOS

PRATO

J FÁCIL 6 30 MINUTOS

29

4/19/12 1:56 PM


delícias da estação

MUITO ALÉM DA SOPINHA CONHECIDA COMO BATATA-BAROA E CENOURINHA AMARELA, A MANDIOQUINHA NUTRE E DÁ SABOR

O

riginária dos países andinos, a mandioquinha – que também é conhecida pelos nomes de batata-baroa, batata-aipo, mandioquinha-salsa, batata-fiúza, barão e cenourinha-amarela – teve suas primeiras mudas trazidas da Colômbia para o Brasil em 1907. Desde então, o legume vem sendo cultivado em regiões de clima frio e elevadas altitudes, principalmente na região Centro-Sul do país. Não à toa, ela é um dos ingredientes mais usados na alimentação das crianças, geralmente incorporadas à primeira sopinha: além do sabor e aroma agradáveis e da textura macia, ela é de fácil digestão. Tem alta concentração de potássio e vitamina C. A nutricionista Maithê Panar, da Dal Bem Home Care, justifica sua importância também no cardápio dos idosos explicando que a mandioquinha contém cálcio e fósforo, que participam da conservação da densidade óssea e da regeneração dos tecidos. “Por isso, ela é uma grande aliada na prevenção da osteoporose”, afirma. “O potássio auxilia nos processos digestivos e de reconstrução muscular. A vitamina C, além de conter propriedades antioxidantes, auxilia na absorção do ferro.” Apesar de ser versátil em vários tipos de receita, uma das formas mais gostosas e fáceis de preparar a mandioquinha é cozinhá-la ao vapor. Além de ficar saudável, assim se conservam suas vitaminas, seus minerais e seus princípios aromáticos. E se ela é indispensável na papinha de bebê ou na sopinha da vovó, hoje, a mandioquinha incrementa pratos da alta gastronomia. A forma mais clássica é o purê, mas ela também rende ótimos bolinhos, escondidinhos e porções de chips. E pode render outros pratos supercriativos. Aqui, ensinamos a usá-la como base de uma receita leve e saborosa.

30e31_Delícias da estação 10.rev.indd 30

Acompanhamento MANDIOQUINHA ENFORMADA INGREDIENTES 1 kg de mandioquinha, cozida e espremida; 1 xícara (chá) de leite (200 ml); 2 colheres (sopa) de manteiga sem sal derretida; 1 xícara (chá) de queijo minas frescal amassado; 1 sachê de Tempero SAZÓN® Amarelo; 1 colher (chá) de AJI-SAL®; 3 ovos (claras em neve); 1 e meia xícara (chá) de peito de peru defumado, em cubinhos (150 g) MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela grande, coloque a mandioquinha, o leite, a manteiga e o queijo, e misture bem. Junte o Tempero SAZÓN®, o AJI-SAL®, as gemas e, por fim, as claras em neve, delicadamente. 2. Misture o peito de peru e transfira para um refratário oval médio (26 cm x 18 cm), untado e enfarinhado. 3. Leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por aproximadamente 40 minutos ou até dourar a superfície. 4. Retire do forno, espere amornar e sirva em seguida. Dicas: 1. Essa receita tem uma textura leve devido à presença das claras em neve, lembrando um suflê. 2. Se preferir, faça em um refratário retangular médio (30 cm x 20 cm).

4/19/12 9:01 AM


FOTOS: RICARDO D’ANGELO – REFRATÁRIO E PRATOS, DRAGONETTI

GUARDANAPO, ROUPA DE MESA TECIDO, DONATELLI TECIDOS

PRATO

J MUITO FÁCIL 6 30 MIN. (+ 40 MINUTOS DE FORNO)

30e31_Delícias da estação 10.rev.indd 31

ões porç

6

31

4/19/12 9:02 AM


especial

Às consumidoras, com carinho EVENTO COMEMOROU O DIA DO CONSUMIDOR COM COMIDINHAS E AULAS DECULINÁRIA EM CLIMA DE AMIZADE E TROCA DE ELOGIOS

32e33_Evento.rev.indd 32

E

m 15 de março comemorou-se o Dia do Consumidor. A Ajinomoto, para celebrar a data, organizou um simpático encontro para homenagear os consumidores e agradecer aos mais participativos. Pessoas que mandam e-mail e ligam para a Central de Relacionamento para elogiar, tirar dúvidas e trocar ideias foram convidadas a passar uma tarde na Casa Viver, Casa e Gourmet, em São Paulo. A recepção começou com quiche de alho-poró e tempurá de legumes, para petiscar, e bolinho de fubá com coco para acompanhar os refrescos MID®. Enquanto experimentavam as receitas, Natália Paula Souza Farias e Shirley Ferreira Batistas, duas consumidoras que haviam acabado de se conhecer e já pareciam amigas de longa data, refletiam o espírito fraterno que a Ajinomoto cultiva e difunde entre suas consumidoras. “Adoro demais a Ajinomoto! Sempre visito o site para pegar receitas e ligo para a Central de Relacionamento para pedir dicas”, diz ela. “As atendentes são tão acolhedoras, que tem vezes que ligo só para bater um papo, desejar ‘Feliz Páscoa’ e agradecer pela entrega da revista

4/19/12 8:51 AM


33

“Somos muito felizes por ter consumidoras tão participativas e ligadas à empresa. Vocês são especiais para nós” SABORES, que adoro!” Para Shirley, o contato com a Central de Relacionamento da empresa também é frequente. “Falo com eles pelo menos uma vez por mês. Procuro retribuir a atenção que a Ajinomoto tem comigo. Se eles mandam uma amostra de um produto novo, por exemplo, sempre dou minha opinião”, afirma. Durante a faculdade de nutrição, Viviana Aurora Viana Vigatti solicitou que a Ajinomoto recebesse seu grupo de trabalho para conhecer o processo de fabricação e armazenamento dos produtos e saber como funcionava a cozinha, os bastidores da empresa. “A Ajinomoto foi a empresa mais receptiva. Falamos com outras, mas nenhuma foi tão atenciosa.” As irmãs Rosimeire Franzin Godinho e Roseli Franzin Lopes estavam interessadas em fazer um curso de culinária, e entraram em contato para pedir orientação. “Para nossa feliz surpresa, recebemos o convite para estar aqui hoje”, disse Roseli. Junto às outras convidadas, elas assistiram à aula da chef Eliane Kina, que ensinou a fazer Vitamina de Uva, Salada Sofisticada, Pão de Abóbora e o Nhoque de Batata-doce ao Molho de três queijos. “Para mim é uma honra estar aqui. Foi uma forma muito interessante e carinhosa de comemorar o Dia do Consumidor”, afirmou Clara Silvania Barbosa Coelho Silva. “Somos muito felizes de ter consumidoras tão participativas e ligadas à empresa. Vocês são especiais para nós”, finalizou Priscila Andrade, em nome da equipe Ajinomoto. Veja como foi o evento em www.youtube.com/watch?v=XpixePQbYQ0 Tudo no capricho: o evento teve deliciosas receitas, lições e risadas junto a algumas das consumidoras mais participativas da Ajinomoto, que aprenderam com a chef Eliane (acima) novas maneiras de usar os produtos da marca

32e33_Evento.rev.indd 33

4/19/12 8:51 AM


cantinho do leitor

Principal INGREDIENTES 500 g de filés de pescada; suco de 1 limão; 2 sachês de Tempero SAZÓN® Verde; 1 e meia colher (chá) de sal; 2 e meia xícaras (chá) de água (500 ml); 3 xícaras (chá) de flores de brócolis (180 g); 1 colher (sopa) de margarina sem sal; 500 g de batatas, cozidas e espremidas; meia xícara (chá) de leite (100 ml); 4 colheres (sopa) de creme de leite; 1 colher (chá) de AJI-NO-MOTO®; meia xícara (chá) de queijo tipo parmesão ralado (50 g) MODO DE PREPARO 1. Em uma tigela grande, coloque os filés de peixe e tempere com o limão, 1 sachê de Tempero SAZÓN® e 1 colher (chá) de sal, e deixe marinando, na geladeira, por 30 minutos. 2. Em uma panela, coloque a água, espere ferver e junte os brócolis e o outro sachê de Tempero SAZÓN®. Deixe cozinhar por 5 minutos, ou até os brócolis ficarem “al dente”. Escorra a água e reserve. 3. Em outra panela, coloque a margarina e leve ao fogo alto para derreter. Junte a batata, o leite, o creme de leite, o sal restante e o AJI-NO-MOTO®; mexa vigorosamente até obter um purê macio e homogêneo. 4. Retire do fogo e reserve. 5. Em um refratário médio retangular (30 cm x 20 cm), untado, disponha os filés de peixe, os brócolis e cubra com o purê de batatas. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 30 minutos . 6. Retire do forno e sirva em seguida.

PRATO

Dica: se preferir, substitua a pescada por merluza ou Saint Peter.  FÁCIL  40 MIN. (+ 30 MINUTOS DE FORNO)

6

s

çõe por

PEIXE. JÁ ERA BOM, FICOU MELHOR

FOTO: RICARDO D’ANGELO - REFRATÁRIO, DRAGONETTI - GUARDANAPO, ROUPA DE MESA - TECIDO, DONATELLI TECIDOS

PEIXE ESPECIAL

P

eixe com legumes é uma das combinações mais saudáveis para uma refeição. Mas a receita enviada por nossa consumidora Patricia Bressan Martins, de Constantina (RS), foi também campeã em sabor. O filé de pescada assado com brócolis, coberto com purê de batatas e finalizado com uma casquinha deliciosa de queijo parmesão encantou nosso júri, que a premiou com um kit de produtos Ajinomoto e mais um Stick Mixer da Electrolux (ao lado). Incluímos o item no prêmio como mais um agrado, para homenagear o Dia das Mães. Combinando dois tipos de temperos Ajinomoto, Patricia alcançou o equilíbrio do gostinho suave de cada ingrediente, tendo como resultado um prato leve e ao mesmo tempo completo. Ela fez o que já era bom, devido às características nutritivas, ficar ainda mais gostoso.

SE VOCÊ QUISER PARTICIPAR DESTA SEÇÃO, MANDE SUA RECEITA PREPARADA COM ALGUM PRODUTO AJINOMOTO. SE SUA SUGESTÃO FOR SELECIONADA, VOCÊ RECEBERÁ UM PRESENTE. * MANDE SUA RECEITA PARA: CAIXA POSTAL 45.358, CEP 04010-970, SÃO PAULO, SP. OU PARA O E-MAIL: SAC@BR.AJINOMOTO.COM LEMBRANDO DE COLOCAR NO ASSUNTO “CANTINHO DO LEITOR”

* Enviando a receita, você estará automaticamente concordando com sua publicação.

34_Meu cantinho.rev.indd 34

4/19/12 9:03 AM


Receitas de fibra!  

Revista de receitas

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you