Page 1

Fortalecimento dos Comités Comunitários de Proteção da Criança

Detalhes do Projecto Período O projecto teve início a 01 de Janeiro de 2013 e termina a 31 de Dezembro de 2017.

Área de Actuação Região Sul: Maputo (Matola, Boane, Namaacha, Manhiça, Moamba, Marracuene, Matutuine e Magude); Gaza (Xai-Xai, Chibuto, Bilene, Chokwe, Guija e Manjacaze); Inhambane (Jangamo, Massinga, Inhassoro, Vilanculos e Govuro); Centro: Manica (Barue, Gondola, Guro, Sussundenga, Mossurize). Norte: Nampula (Muecate, Erati, Memba, Mossuril e Ribaue).

Grupo Alvo do Projecto Crianças vulneráveis e suas famílias, raparigas, rapazes, professores, técnicos da acção social, comités comunitários, organizações comunitárias de base, associações e outras organizações que trabalham em prol da criança. comunidade.

INTRODUÇÃO A protecção social da criança requer intervenções a todos os níveis, incluindo do governo, parceiros, sociedade civil, comunidade e da família. Os Comités Comunitários de protecção à criança (CCPCs) são a principal força motriz a nível de base. Embora com capacidade limitada, os CCPCs facilitam o acesso aos serviços, em colaboração directa com as instituições do governo, através da identificação, encaminhamento e assistência aos grupos mais vulneráveis da população. Nos últimos cinco anos de implementação de intervenções direccionadas às crianças órfãs e vulneráveis (COVs), a Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade (FDC) tem desenvolvido as suas actividades com as organizações baseadas na fé e com os CCPCs nas Províncias de Maputo, Gaza Inhambane e, muito recentemente, Manica e Nampula. É nestes termos que surge a parceria entre o MGCAS, UNICEF e a FDC, unindo esforços no sentido de fortalecer os CCPCs fornecendo-lhes ferramentas, conhecimentos e habilidades relevantes para que possam desempenhar o seu papel e dar a sua contribuição significativa a nível da comunidade. A parceria entre a FDC e o UNICEF tem como prioridades, apoiar o Governo no fortalecimento da capacidade dos CCPCs de modo a implementarem um sistema integrado de acompanhamento de casos na comunidade, visando facilitar o acesso à serviços básicos às famílias vulneráveis, complementados com serviços de registo de nascimento, apoio psicossocial, e programas de protecção social.

OBJECTIVOS O projecto visa garantir um sistema funcional de gestão e acompanhamento de casos na comunidade, assegurando que crianças em situação de vulnerabilidade sejam referidas aos serviços relevantes (protecção, apoio legal, alimentação e nutrição, saúde, apoio psicossocial, habitação, educação e fortalecimento económico, etc.), e que seja feito um acompanhamento regular e contínuo.


RESULTADOS

Actividades Capacitação dos membros dos comités comunitários; monitoria e acompanhamento dos resultados relacionados com a melhoria do bem-estar das crianças e do acesso aos serviços sociais básicos das crianças órfãs e vulneráveis; integração e formalização da integração de crianças.

Resultados Esperados Implementado um sistema integrado de gestão e acompanhamento de casos na comunidade, através dos Comités Comunitários capacitados em três províncias; monitorados os resultados relacionados com melhoria do bem-estar e do acesso aos serviços sociais básicos das crianças vulneráveis; acelerada a integração de crianças em famílias de acolhimento e sua formalização; efectuado e disseminado o mapeamento dos actores intervenientes no sector, nas 5 Províncias.

Mais de 20 anos Servindo a Comunidade

que avançamos para a próxima fase do nosso desenvolvimento, teremos de redobrar os nossos esforços para garantir que todas as nossas crianças desfrutem a realização dos seus direitos..

Direitos da Criança Investir nas Crianças é Crucial para um Desenvolvimento Equilibrado e para a Redução da Pobreza a Longo Prazo À medida que Moçambique avança para um período de rápido desenvolvimento das suas extensas reservas de gás e de recursos minerais, com perspectivas de estes constituírem fontes importantes de receitas fiscais adicionais para o Estado a partir do início dos anos 2020, tornarse-á importante dar a devida prioridade ao financiamento dos sectores sociais e à realização dos direitos das crianças moçambicanas. Endereço da FDC: Av. 25 de Setembro, Edifícios Times Square Bloco 2 - 3º andar | Tel: +258 21 355300, fax: + 258 21 355 355 | Cel: + 258825901617 I Website: www.fdc.org.mz | Facebook: FDC

Por que Investir nas Crianças? Fazer educação é como cultivar uma floresta: você planta árvores e leva tempo até atingir o objetivo final. Mas, para haver floresta, é preciso plantar árvores, cultivá-las e protegê-las de ameaças. Nos últimos anos, o nosso país realizou progressos significativos em questões-chave relacionadas com o bem-estar das crianças, mas à medida

Apoio

Ccpcs - folheto (proposta1)