Page 1

CONSULTORIA SESAU EIXO TEMÁTICO: LAZER

Professor: Ranyeri Dávila A. Coelho Mestre em Ciências da Saúde


PERCEPÇÃO PRINCIPAL DA DISCIPLINA

“ O ócio, o não trabalho, foi motivo de preocupação para uma série de nomes da filosofia social. Mas, é sobretudo a partir do advento da chamada “sociedade industrial”, que a importância do lazer foi ganhando terreno, na produção dos pensadores sociais do século XIX. ” (Marcelino, 2006)


RECONSTRUÇÃO HISTÓRICA  Século

XIX – 1880 Direito a Preguiça.

 Século

XX –

1932 Elogio ao Lazer; 1938 Homo Ludens; Brasil Rural; Instituições de Saúde nos modelos militares; Necessidade de uma nova organização dos serviços de Saúde; Surge a Saúde Pública e Educação Sanitária; Inicia-se a Consolidação.

 Década

de 50 –

O estudo do Lazer passa a ser objeto de Estudo Sistemático. A multidão solitária; O trabalho em migalhas; A nova classe média – White Collar.


RECONSTRUÇÃO HISTÓRICA  Últimas

se destacam:

décadas do séc. XX –

Autores que

Marcelino; Gomes; Ferreira; Parker; Kaplan; Grazzia; Fourastié; Dumazedier.

 No

Brasil –

Primeiro livro – Lazer Operário; Estudos ganham força com o aceleramento do processo de urbanização; Outubro de 1969 primeiro grande evento; Década de 70 a área ganha força nas Universidades; Estudos bem atrasados; Campo em vasta expansão;

 Atualmente

Vários cursos de pós, mestrado e doutorado; Roraima tem inúmeras possibilidades;


CARACTERÍSTICAS DO LAZER

Tempo

Atitude

Tempo Livre, sem obrigações.

Satisfação Provocada.


TENDÊNCIAS:  Enfoque O

Lazer como necessidade pessoal;

 Ênfase

multidisciplinar;

nos potenciais locais;

Cidades como espaço urbano de lazer (Enfoque prático – Expectativa imediata de prazer);


TENDÊNCIAS : O

Lazer como desejo da sociedade capitalista * Oportunidade de Negócio *;

O

lazer como objeto de Estudo da E.F;

 Ambientes

naturais como espaço de lazer (Enfoque Educacional, ético e social);


TENDÊNCIAS :  Crescimento

de locais e opções de Lazer;

 “Contaminação

social” dos espaços de

Lazer;  Lazer

interferindo na sociabilidade, sustentabilidade e na subjetividade do bem estar.


CONSTRUÇÃO DE UM PROJETO DE LAZER: REFLEXÕES NECESSÁRIAS


DE LAZER: REFLEXÕES NECESSÁRIAS Não confundir as práticas de Lazer com hiperconsumo e atividades homogeneizadas e estereotipadas;

Ao planejar, analisar questões relativas a TEMPO, ESPAÇO E PESSOAS.


CONSTRUINDO UM PROJETO DE LAZER: Tempo

PeríodoCronológico; Estação do ano; Ciclo Astrológico; Momento Social.


CONSTRUINDO UM PROJETO DE LAZER: Espaço

Microcontexto onde é realizada a ação; Potencialidades e Dificuldades do local; Variáveis Político-administrativas.


CONSTRUINDO UM PROJETO DE LAZER:

Pessoas

Articulação dos envolvidos no projeto; Costumes religiosos; Compreender gêneros; Preferências; Caracterização dos participantes; Compreender e empreender as necessidades.


PESSOAS


ESTRUTURA DE UM PROJETO DE LAZER:  1-

Mapeamento e análise inicial das potencialidades e problemáticas de tempo, espaço e pessoas; Verificar viabilidade econômica, possibilidades adequadas de metodologias; Preconizar o respeito á cultura local e a Sustentabilidade;

 2-

Imposição de Metas e Objetivos - O que eu quero?


ESTRUTURA DE UM PROJETO DE LAZER:  3-

Planejamento inicial que conste:

a) Montagem

do cronograma das atividades a serem executadas; b) Viabilidade, Custo e receita total do Evento; c) Marketing e Propaganda inicial; d) Descentralização de responsabilidades; e) Articulação Multidisciplinar.


ESTRUTURA DE UM PROJETO DE LAZER:  4-

Execução dos trabalhos, coleta de dados para pesquisa e armazenamento das informações;

 5 6-

Divulgação e Marketing pós Evento;

Apreciação dos dados para possíveis Publicações;


ESTRUTURA DE UM PROJETO DE LAZER:

 7-

Avaliação e balanço crítico do que foi feito.


CONSIDERAÇÕES FINAIS “Portanto, não se trata de conscientizar, educar, despertar, ou sensibilizar a população(...). Não se trata, também, de apenas identificar carências, mas de valorizar os sujeitos naquilo que têm de melhor, sua história, seu tempo – a sua capacidade de criação. (Oliveira, 2003)”;


OBRIGADO!

Aula lazer 1