Page 1

Página 1

25

jornal

anos

w w w . j o r n a l s p a s s o . c o m . b r itaú M Ag - M G • I TnAaÚ/ N

0 d Ee j 1 34 D O aU nT eU iBrRoO dDe E 2 20 01 7 1 8

E D eI d Ç iÃçOã o N º n 1º . 21 16 704

• P R E Çp O r eM ç Áo X m áO xiR m $o 1r, $0 10, 0 0 I M

GUSTAVO MITRE VAI REPRESENTAR ITAÚNA NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Com 21.313 votos, Gustavo Mitre conquistou uma cadeira na Assembleia. A eleição do empresário e advogado, que sempre teve fortes ligações com as principais lideranças de todos os setores, gera boa perspectiva para Itaúna, que volta a ter representatividade no cenário estadual. Em entrevista ao JORNAL S´PASSO, Gustavo garantiu que trabalhará em parceria com o Executivo, Legislativo e entidades locais. Ele disse também que pretende atuar na reconstrução de pontes entre o município e as esferas superiores, em busca de melhorias para a população itaunense. Na disputa por uma cadeira em Brasília, pelo Partido Social Liberal - PSL -, o presidente da Câmara, Márcio Gonçalves “Hakuna” teve um resultado que surpreendeu. Marcinho disputou pela primeira vez o cargo de deputado e conquistou a confiança de 20.626 eleitores. Na quarta suplência, tem expectativa de exercer o mandato, caso o comandante da sigla, Jair Bolsonaro, seja eleito.

FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA ATRAI MULTIDÃO AO SANTUÁRIO DO BAIRRO DE LOURDES Foram 12 dias de comemorações, com uma estrutura preparada especialmente para receber os devotos de Nossa Senhora Aparecida. Uma verdadeira multidão participou da festa, que teve ponto alto nesta sexta-feira, 12, dia dedicado à Santa, que é a padroeira do Brasil. Novena, missas, procissões e recitação do terço reuniram milhares de fieis. A programação contou também com apresentações musicais e barraquinhas de comidas típicas.

SOCIAL Professora de projeto de balé abre portas para meninas que sonham com a carreira na dança Página 02

EVIDÊNCIA Entrega do prêmio para empresas e profissionais liberais terá cobertura do programa Mistura Fina Página 05

CADEIA Justiça transfere dez detentos do presídio para a Apac e outros 23 ingressam na unidade de Itaúna Página 07

BAIRROS Insegurança e sujeira nos lotes abandonados por proprietários são os principais problemas Página 06

CONFISCO Dívida do Estado compromete pagamentos dos servidores da Prefeitura de Itaúna Página 05


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 2

Professora de projeto de balé abre portas para meninas que sonham com a carreira na dança Formada em dança pelo Palácio das Artes, o maior centro de produção, formação e difusão cultural de Minas Gerais e um dos mais importantes da América Latina, vinculado à Fundação Clóvis Salgado, a professora Kátia Tavares Ramalho é a responsável pelo projeto de balé da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. A iniciativa beneficia meninas que não têm condições de frequentar uma escola particular. À frente do programa há aproximadamente seis anos, Kátia abriu para inúmeras garotas a oportunidade de um caminho de sucesso, além de novas perspectivas para o futuro. Em entrevista ao JORNAL S’PASSO, ela falou um pouco sobre sua trajetória e contribuições para disseminação da dança em Itaúna. Como foi seu primeiro contato com o balé? Eu tinha sete anos, assistia na televisão. Via as pessoas dançando e achava a coisa mais linda do mundo, ficava encantada e imitava. Queria aprender balé desde aquela idade, mas aqui em Itaúna ainda não havia escolas. Uma professora até veio para cá, na época, mas só ficou uns seis meses. Comecei a treinar, mesmo, aos 13, quando foi montada a primeira instituição na cidade. E nunca mais parei. Depois, fui para Belo Horizonte, fiz uma prova e garanti vaga no profissionalizante, oferecido pelo Palácio das Artes, Fundação Clóvis Salgado. Estudei durante sete anos lá. Era o melhor curso de balé de Minas Gerais. Universidade só existia no Rio de Janeiro. Hoje é mais disseminado. Era difícil para a gente fazer faculdade de dança. Terminei a formação como bailarina profissional. Tenho a carteira, reconhecida pelo sindicato dos artistas. Como foi criado o projeto “Dançando e Encantando”? O projeto foi implantado quando a Secretaria de Esportes

e Lazer só tinha aulas esportivas para meninos. Na época, o gestor era o Rosse Andrade. Ele me procurou dizendo que a pasta precisava oferecer atividades para as garotas, com a ideia de criar um programa com balé gratuito, nos bairros, principalmente para crianças carentes, nos moldes das escolinhas de futebol. O Rosse me convidou para trabalhar com ele. Daí surgiu o “Dançando e Encantando”. Quando a iniciativa foi colocada em prática, pensei como poderia incentivar essas crianças e criei a apresentação de fim de ano. Contudo, tive que pensar como faria para que as meninas pudessem adquirir as fantasias para se apresentarem, já que isso a Prefeitura não dava. Conversando com as famílias, tivemos a ideia de fazer algo para arrecadar o dinheiro e então optamos por uma feijoada beneficente. Organizamos uma noite no Centro Comunitário do Garcias. As mães cozinharam, consegui o botijão de gás, os ingredientes foram doados, alguns vereadores contribuíram. O pessoal da associação também ajudou. A comunidade abraçou o projeto. Nesse dia, as meninas se apresentaram no salão, conseguimos até quem tocasse

música ao vivo, de graça. Arrecadamos todo o dinheiro para as fantasias. Foi o primeiro ano do espetáculo delas no Teatro Sílvio de Mattos, que nem uma escola particular. A partir daí, todo ano já tinha esse compromisso. Agora, a gente faz rifas e com os recursos, pagamos as fantasias. Os brindes nós conseguimos com parlamentares e outros apoiadores. Hoje, a iniciativa chega a mais bairros.

dade e se dedicam ao máximo. E podem se realizar. Para muitas, é a concretização do sonho. Eu sou muito exigente! Faço questão de dar a melhor aula possível para elas sempre. A preparação é como nas instituições privadas. Não é porque o projeto é gratuito que eu vou dar qualquer aula. Busco ensinar da melhor forma. Elas gostam tanto, têm tanta garra de aprender que ficam, boas, têm compromisso.

Porque decidiu se dedicar exclusivamente ao projeto?

Por meio dos seus contatos, algumas alunas conseguiram bolsas e seguem com um futuro promissor na dança. Como funciona essa parceria com uma escola particular?

Eu trabalhei durante 25 anos em uma escola de balé particular, mas decidi sair para me dedicar ao projeto porque eu me sentia muito mais realizada nele. As meninas correspondiam mais. São garotas que se não fosse essa iniciativa jamais fariam balé, então elas agarram a oportuni-

Eu fiquei conhecendo a diretora e professora da Life Dance, Tássila Andrade, que veio de Divinópolis e montou uma escola de balé aqui, com muito

O projeto foi implantado quando a Secretaria de Esportes e Lazer só tinha aulas esportivas para meninos. Na época, o gestor era o Rosse Andrade. Ele me procurou dizendo que a pasta precisava oferecer atividades para as garotas, com a ideia de criar um programa com balé gratuito, nos bairros, principalmente para crianças carentes, nos moldes das escolinhas de futebol. Daí surgiu o “Dançando e Encantando”.

15 DE OUTUBRO - DIA DO PROFESSOR

Valorização da categoria continua como a principal pauta dos educadores

Há algumas décadas, a profissão de professor era vista uma das mais importantes da sociedade. Os educadores sempre foram considerados como patronos do conhecimento, tinham as opiniões respeitadas e muito prestígio. Com o passar dos anos, a classe ficou desvalorizada. Para expor um pouco a realidade vivenciada

hoje por esses profissionais, a reportagem conversou, esta semana, com Vânia Santana, que, com 23 anos de trajetória, está hoje no programa de Atendimento Educacional Especializado – AEE -, da Escola Estadual Gilka Drummond de Faria, onde também é supervisora. Ela conta que seguiu a carreira

sucesso. Um dia, conversando com ela, perguntei se ela não daria bolsa para as meninas do projeto. Ela falou que sim. Desde então, passei a levar as alunas mais disciplinadas, as mais esforçadas, talentosas e comprometidas para se apresentarem para a Tássila, que seleciona quem vai receber o benefício. São escolhidas aquelas garotas que querem levar a dança adiante. Atualmente, a iniciativa contempla cerca de dez crianças. Já teve mais. Porém, nem todas têm condições de permanecer porque, embora as aulas sejam gratuitas, elas ainda precisam pagar ônibus e tem os gastos com roupas e sapatilhas. Quando chega o final do ano, tem o espetáculo, a Tássila costuma ajudar com alguma fantasia, mas às vezes as meninas são tão boas que são escolhidas para até quatro danças. As sapatilhas são muito gas-

porque ficou encantada com o Magistério, trabalhando, a princípio, com o ensino médio e fundamental, e, depois, com a educação infantil. Para Vânia, a desvalorização do segmento, atualmente, passa, não só pela remuneração, como também as condições de trabalho. “Mas, não podemos deixar que isso prejudique os nossos alunos, que não têm culpa e sempre merecem o melhor”, pondera. Para a educadora, as dificuldades têm relação também com a obrigatoriedade do ensino regular. “Nem todos gostam ou querem o que a instituição oferece. Muitos não gostariam de estar lá, porém, são obrigados”, completa. Aos que pensam em atuar na

área, ela aconselha que façam uma boa análise antes de tomar a decisão. “Geralmente, não existe valorização em termos de salários. Então, é preciso avaliar, para que a escolha não seja motivo de frustração. E se essa for a opção, realmente, atuar com muito empenho e dedicação, contribuindo com o nosso futuro, independentemente dos desafios. Na última semana, pais e estudantes nos presentearam com cartões, lanches. Essas homenagens mostram que somos importantes e que estamos no caminho certo”, afirma, ressaltando que tem muito orgulho da profissão. O Dia do Professor é comemorado em 15 de outubro, próxima segunda-feira.

Apae discute inclusão das pessoas com deficiências Entre os dias 23 e 24 de novembro, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Apae – de Itaúna realizará o III Simpósio. Este ano, o seminário contará com a participação das palestrantes Maria Amin, Ozana Leal e Clay Brites. O evento será

na Igreja Batista Betel, que fica na avenida Jove Soares, 1.797, Centro. As inscrições podem ser feitas pela internet, em www. apaeitaunamg.org.br. A taxa é R$ 70. Mais informações pelos telefones 3243-7612, 3243-7999 ou 98826-0064.

tas, algumas que duram apenas seis meses ou três, dependendo do pé da bailarina. Eu tenho alunas que devem estar lá há cinco anos, desde que o projeto começou. Que mudanças o balé provoca na vida dessas meninas? Algumas alunas, antes do balé, não tinham amigos na escola, não conversavam com ninguém. Depois da dança, começaram a se relacionar e fazer amizades, viraram outras pessoas. É muito claro como a autoestima melhora. Nas ocasiões em que participamos de eventos, já vimos espectadores pedirem autógrafos para elas, que se sentem o máximo com isso. Uma já ajuda a Tássila nas aulas, uma espécie de braço direito, e está sendo preparada para ser professora. Quais foram os maiores destaques do “Dançando e Encantando”? Duas das bolsistas mais recentes participaram de concursos. Uma ganhou o primeiro lugar com o solo que a Tássila fez para ela, a Arielle Silva, e a Stéfanie Rabelo ficou no segundo, ambas no concurso Unidance.

São João de Deus disponibiliza vagas para residência médica O Complexo de Saúde São João de Deus, em Divinópolis, lançou editais para o processo seletivo unificado para ingresso na residência médica. Esta é a décima edição do programa, que conta com a participação de outras 88 instituições do país, públicas federais, estaduais e municipais, assim como hospitais filantrópicos e privados, consolidando-se como a maior iniciativa do gênero no Brasil. As inscrições foram abertas no último dia 09 e seguem até 22 de outubro. O interessado deve fazer o cadastro pela internet, em www. aremg.org.br. O candidato pode se inscrever para quantos programas desejar, sendo uma inscrição em cada instituição participante, realizando uma única prova. Caso seja selecionado na primeira etapa, o con-

corrente precisa enviar o currículo apenas uma vez via sistema. No mesmo momento, ele fará a opção pela ordem de preferência provisória. O processo seletivo envolve duas etapas, sendo a primeira um teste, no dia 18 de novembro, em Belo Horizonte, e em seguida a análise curricular padronizada para todos os selecionados. Quem tiver pontuação suficiente para aprovação em mais de uma residência será convocado apenas para o de maior interesse, devendo confirmar a opção pela vaga entre 30 de janeiro e 1° de fevereiro de 2019. A partir de 02 de fevereiro, terá início a chamada dos suplentes, com publicação em www.aremg.org.br. Para os interessados em saber mais detalhes, estão disponíveis os números (37) 3229-7705.


Sábado, 15 de setembro de 2018

Página 3

Sábado, 13 de outubro de 2018

Gustavo Mitre garante cadeira na Assembleia e Itaúna volta a ter representatividade no Estado Marcinho Hakuna conquista mais de 20 mil eleitores na primeira campanha para deputado federal, mas votação é insuficiente para presidente da Câmara Municipal ganhar a vaga em Brasília Depois de alguns anos, Itaúna voltará a contar com representante na Assembleia Legislativa de Minas Gerais – ALMG -, a partir da eleição de Gustavo Mitre, pelo Partido Social Cristão (PSC), no domingo, 07. O empresário, que sempre teve intensa atuação no meio político na cidade e região, conquistou 21.313 votos e garantiu uma das 77 vagas no Legislativo estadual. Advogado com larga experiência na área de Direito Comercial, Gustavo Mitre foi diretor da unidade local do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon -, chefe de Gabinete da Secretaria Regional Municipal da Pampulha, em Belo Horizonte, e também dirigiu o Instituto de Terras do Governo do Estado de Minas Gerais - ITER/MG. Ele morou na França e nos Estados Unidos, o que também possibilitou o conhecimento de diferentes políticas públicas. Em 2010 e 2014, concorreu à Câmara Federal, alcançando, no primeiro, 25.037 votos, e no segundo pleito, 47.101, e chegou bem perto de ocupar uma cadeira em Brasília, na segunda suplência. Faltando pouco mais de quatro meses para o encerramento dos mandatos dos políticos eleitos em 2014, o Tribunal

Superior Eleitoral - TSE - confirmou a cassação do deputado federal Pastor Franklin Lima - PP. Essa decisão havia sido tomada em 2015, pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais - TRE/ MG -, por abuso de poder econômico em evento religioso, sinalizando a possibilidade de Mitre assumir o cargo, como representante de Itaúna. Porém, isso dependia de a sentença ser acatada na instância seguinte. A tramitação demorada do processo inviabilizou. Durante o período de campanha, Gustavo adiantou que pretende buscar manter acesso direto ao Executivo mineiro e ao Senado para viabilizar a construção de uma ponte entre o município e as esferas superiores de governo, no intuito de viabilizar mais benefícios e oportunidades para a população itaunense. E destacou que além das funções internas da Assembleia Legislativa, um deputado estadual pode mandar recursos para o hospital, escolas, áreas de esportes, lazer, lutar pelas entidades de segurança pública, trabalhar junto com o Executivo municipal para trazer empresas para a cidade e atuar em sintonia com as entidades sociais e filantrópicas.

Demais candidatos Nestas eleições, Itaúna teve cinco candidatos a deputado estadual e quatro a federal. Na disputa por uma cadeira na Câmara, somente alcançou uma votação considerável o atual presidente do Legislativo municipal, Márcio Gonçalves “Hakuna”. Concorrente pelo Partido Social Liberal - PSL -, que tem como principal liderança no país, o presidenciável Jair Bolsonaro, ele ganhou 20.626 votos, porém, número insuficiente para garantir a vaga em Brasília. O humorista Iago Santiago, vereador e mais conhecido como “Pranchana Jack” também registrou candidatura a federal pelo Avante. No entanto, praticamente não fez campanha e obteve o apoio de apenas 287 pessoas, nas urnas. Marcílio de Assis (PHS) e o enfermeiro Gilberto Lima (PV ), que também pleitearam o cargo, conquistaram a confiança de 1.491 e 7.597 eleitores, respectivamente. Na corrida por uma vaga na Assembleia Legislativa de Minas Gerais – ALMG -, o produtor de eventos Isac Vieira (PRTB) teve 1.872 votos; Alexandre Campos, do MDB, 3.045; e Carlos Jota, PSC, 158.

Biometria gera demora Em várias seções de Itaúna, eleitores relataram demora na hora de votar, por causa da biometria. A tecnologia está em fase de testes e visa proporcionar mais segurança, evitando que alguém vote com o título de outro. No município, 13,23% do eleitorado realizou o cadastro, em que a identificação é realizada pela impressão digital e o votante não precisa assinar. Com o equipamento em uso, a votação, que deveria ter média de um minuto por eleitor, chegou a demorar até dez, em alguns casos. Isso porque diversas pessoas tiveram que repetir o procedimento de leitura por até quatro vezes.

ENTREVISTAS

Gustavo Mitre promete trabalhar em parceria com o Executivo municipal A campanha vitoriosa de Gustavo Mitre, que chega à Assembleia Legislativa de Minas Gerais - ALMG - em janeiro de 2019, traz novas perspectivas para Itaúna. A falta de um representante na esfera estadual tem sido apontada como um dos principais entraves para o desenvolvimento da cidade e a esperança é de que a eleição de um político que tem fortes ligações com o município mude essa realidade. Em entrevista ao JORNAL S´PASSO, nesta quinta-feira, 11, Mitre falou um pouco sobre os planos e projetos que pretende defender durante o mandato.

Como foi a campanha e qual o foco para conquistar o eleitor? Esta foi uma campanha mais curta e na qual os amigos, os parentes e a comunidade itaunense ajudaram muito. Além do pouco tempo, não havia muitos recursos financeiros. Portanto, um pleito em que a proximidade com o eleitor fez muita diferença, assim como o uso das redes sociais, o WhatsApp e outras mídias, aliados ao contato pessoal. As pessoas tiveram a oportunidade de distinguir, entre os vários candidatos, quais os melhores para representá-las. Com tantos candidatos lançados por Itaúna e ainda a concorrência dos políticos de fora, apoiados por algumas lideranças locais, foi difícil conquistar a confiança do eleitorado itaunense? O lançamento de várias candidaturas faz parte do jogo democrático. Todo cidadão tem o direito de pleitear um cargo eletivo, isso é legítimo. Apesar de que muitos disputam eleição sem chances reais de vencer, para ganhar uma visibilidade ou por algum outro motivo, algum outro objetivo, e acabam por prejudicar a cidade, que poderia ter uma representação na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal. Contudo, os itaunenses entenderam o recado dos últimos quatro anos sem representatividade e resolveram nos dar um voto de confiança, para podermos levar as demandas do

município à Assembleia Legislativa. É uma pena não termos também um deputado federal eleito. Quais serão as suas principais bandeiras na Assembleia Legislativa de Minas Gerais? Existem algumas bandeiras que eu gostaria de defender na Assembleia Legislativa. Eu sou radicalmente contra a criação e o aumento do valor dos impostos. Sou municipalista, acho que a gente tem que diminuir o poder do Estado e da União e deixar mais recursos para os municípios, que são a ponta de atendimento à população. Tem várias outras ideias que gostaria de implementar, mas o meu principal objetivo é representar bem a comunidade itaunense. Foi Itaúna que me colocou na Assembleia Legislativa. Foram os itaunenses que me ajudaram a chegar ao Legislativo Estadual e eu preciso deixar essas pessoas orgulhosas dos votos de confiança na minha candidatura. Na área da Saúde, apesar de alguns avanços, ainda há necessidade de investimentos para ampliação dos serviços prestados à população. Como você pretende atuar nesse sentido? Nós temos consciência que um dos grandes problemas da nossa comunidade é a área da Saúde. E pretendemos fazer uma parceria junto à diretoria do Hospital Manoel Gonçalves e Prefeitura para buscar melhorias, para buscar recursos e ampliar os serviços da nossa principal uni-

dade de atendimento. Esta é uma das grandes necessidades da nossa comunidade eu já quero firmar o compromisso, dentro das minhas limitações, de fazer todos os esforços para que o nosso Hospital atenda cada dia melhor nosso povo. Itaúna sofreu, nos últimos anos, as consequências da falta de um representante junto ao governo de Minas Gerais. Em sua opinião, quais foram os principais problemas gerados pela falta de um deputado da cidade e como pretende reverter isso, agora que ocupará uma cadeira na Assembleia? Itaúna perdeu ao longo dos últimos anos vários serviços governamentais e importados. Nós pretendemos, da maneira que temos dito, por onde passamos, exercer um mandato compartilhado com a cidade de Itaúna. Nós faremos uma visita ao prefeito, à diretoria do Hospital Manoel Gonçalves, ao presidente do Centro de Desenvolvimento Socioeconômico e Empresarial, ao comandante da Polícia Militar, enfim, às autoridades e lideranças, para avaliar como devemos atuar e o que devemos reivindicar para comunidade itaunense. Tudo que estiver ao nosso alcance, faremos.

E em relação ao Executivo municipal? Você pretende trabalhar ao lado do prefeito Neider Moreira, na reconstrução dessas pontes com o Estado? Eu sempre disse que o mandato não seria meu, seria da comunidade itaunense. Desta forma, independente de quem seja o prefeito, presidente da Câmara, diretor do Hospital, reitor da Universidade, presidente do Centro de Desenvolvimento Empresarial e de várias outras entidades, a minha função é auxiliar e lutar pelos interesses dos itaunenses. Então, tudo o que o prefeito, presidente da Câmara e demais autores necessitarem, poderão contar sim, com o meu mandato. Você já tem projetos para apresentar? Dentro dos projetos que a gente pretende buscar para o início de mandato, eu posso citar alguns. O primeiro é a construção do trevo, lá na saída para Itatiaiuçu, no Morro do Engenho, que é uma obra que é a população itaunense carece há muitos anos. Vamos buscar recursos para o nosso Hospital, para melhor atendimento à população, avaliar junto à diretoria da unidade como poderemos contribuir. Vamos analisar, junto com os delegados de Polícia Civil, com o comandante da Polícia Militar, como atuaremos para fortalecer a nossa área de segurança, que nós acreditamos ser uma questão sensível no momento atual. Vamos também tentar conversar com a Nascentes das Gerais e o governo do Estado, para ver se conseguimos a conclusão da duplicação da MG-050 até Divinópolis. Enfim! Nós temos vários bons projetos, vários bons planos para população. Eu gostaria de reiterar o meu compromisso total com os itaunenses.

Extrema direita lidera na votação para governo e presidência O candidato a governador Romeu Zema, do Novo, foi escolhido por 62,12% do eleitorado de Itaúna. Seguindo o resultado geral, Antonio Anastasia, do PSDB, ficou com o segundo lugar, 17%. O atual governador Fernando Pimentel, PT, obteve apenas 8,11% dos votos, enquanto Adalclever Lopes, MDB, 2,73%. Dirlene Marques, PSOL, conquistou 1,25%; João Batista Mares Guia, da Rede, 0,38%; Jordano Metalúrgico, PSTU, 0,15%; e Claudiney Dulim, pelo Avante, 0,10%. Alexandre Flach, do PCO, não computou na cidade. De acordo com os dados, 3.980 pessoas votaram em branco, para o

governo do Estado. Foram registrados 8.796 nulos. Dos presidenciáveis, Jair Bolsonaro, de extrema direita, lançado pelo PSL, foi a preferência de 65,78% dos itaunenses. Fernando Haddad, do PT, ficou com 10,89% dos votos do município e Ciro Gomes, PDT, 10,04%. João Amoêdo, a grande promessa do Novo, garantiu 5,49%; o tucano Geraldo Alckmin, 4,19%; Henrique Meirelles, MDB, 1,18%. Marina Silva, da Rede, ganhou 0,91%; Cabo Daciolo, Patri, 0,52%; Álvaro Dias, do Pode; 0,44%; Guilherme Boulos, PSOL, 0,44%; Vera, PSTU, 0,05%. Eymael, do DC, teve 0,04% e João Goulart Filho, que concorreu pelo PPL, 0,03%. Para presidente, 2.073 eleitores votaram em branco e 4.583 anularam.

Hakuna fica na quarta suplência do PSL e tem expectativa de exercer o mandato na Câmara Federal A primeira investida do presidente do Legislativo de Itaúna, Márcio Gonçalves “Hakuna”, na tentativa de conseguir uma vaga na Câmara, culminou em um resultado significativo: mais de 20,6 mil votos. Vereador pelo segundo mandato, Marcinho concorreu pelo Partido Social Liberal PSL - e ficou como quarto suplente da sigla. Em conversa com a reportagem, ele disse que acredita na possibilidade de assumir a cadeira, já que os candidatos à frente podem ser indicados para cargos de confiança no governo federal, se Jair Bolsonaro for eleito presidente da República.

A que você atribui essa votação tão expressiva em Itaúna? Eu acho que Itaúna acreditou. Boa parte dos eleitores queria a representatividade de volta, queria votar no candidato da cidade. É uma análise bastante intimista, mas baseada também no que muitas pessoas disseram. Também vejo que isso reflete a minha avaliação enquanto presidente da Câmara Municipal, que está boa, a maioria das pessoas sabe o que tenho feito. Eu acho que o resultado é um conjunto de fatores. Você acredita que a mudança de partido, que quase custou sua cadeira na Câmara, valeu a pena? A mudança de partido impactou pouco. Se ela tivesse influenciado mais, eu poderia

ter tido muito mais votos. As pessoas não me associaram ao PSL do Bolsonaro. Uma parte talvez, mas não a maioria. Tanto que eu não tive os votos suficientes, 28 mil, para a margem de segurança. Menos até daria, mas com 28 mil seria certeza. Diante da votação obtida agora, pretende concorrer ao cargo majoritário de Itaúna em 2020? Ainda está muito cedo para falar em candidatura a prefeito. Até porque, eu fiquei na quarta suplência. O Marcelo Álvaro Antônio já foi indicado pelo Bolsonaro para ser Ministro, então, muito provavelmente ele deve subir. Ainda tem as autarquias. Já tem uma sinalização por parte do partido, que existe a possibilidade de eu e outros mais, ocupemos as vagas do PSL.


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 04

Artistas de Itaúna se unem pela criação do Conselho Municipal de Cultura Na segunda-feira, 08, artistas locais se reuniram para debater e propor ações que possibilitem a valorização da classe e o estímulo às manifestações de todos os segmentos. Esse foi o segundo encontro promovido pelo gerente de Cultura, Ilimane Lopes, o Joe, que também integra a categoria, com o objetivo de colocar em pauta ideias para melhorias no cenário atual. Durante a reunião, os participantes tiveram oportunidade de

expor opiniões a respeito de políticas públicas voltadas ao setor, apresentando sugestões, inclusive, de fomento aos projetos independentes. Muitos jovens, especialmente ligados ao teatro, estiveram presentes e demonstraram disposição para lutar pela causa. No entanto, ainda foi fraca a representatividade da música. Joe, que trabalha profissionalmente como cantor há mais de 20 anos, destacou a necessidade

de união dos artistas, independentemente dos segmentos de atuação. Uma das discussões mais importantes girou em torno da implantação do Conselho Municipal de Cultura e de um fundo para incentivo às ações na área. A proposta visa, principalmente, que os movimentos sejam prejudicados, futuramente, com as mudanças de governo. O órgão, conforme apresentado na ocasião, deve ser um espaço misto, composto por

representantes do Executivo e do Legislativo, além de pessoas envolvidas com as artes e a cultura. A iniciativa visa criar condições para que os artistas acompanhem os investimentos e avaliem a execução de programas. Para a próxima reunião, ficou acordado que os representantes da categoria levem propostas e diretrizes para a elaboração do projeto de instalação do Conselho Municipal de Cultura em Itaúna.

Circuito Belgo leva a peça Aladim Joe retoma Festival de Cenas ao palco do “Vânia Campos” Curtas e abre espaço para as artes Iniciativa incentiva produções independentes, premiadas em cerimônia no último sábado Iniciativa incentiva produções independentes, premiadas em cerimônia no último sábado O Festival Itaunense de Cenas Curtas volta ao calendário oficial da cidade, pelas mãos do atual gerente de Cultura, Ilimane Lopes, o Joe. A mostra, realizada nos últimos dias 04 e 05, depois de aproximadamente 16 anos “no esqueci-

mento”, foi marcada pela intensa participação dos artistas locais, grande parte, da nova geração. O Festival Itaunense de Cenas Curtas recebeu 16 esquetes: “Nós Cegos”, “Bar e Puteiro Dona Zefina”, “Recém Casados”, “Por que Será”, “Teen – A Era da Diversão”, “Ensina-me a Ser Livre”, “Quem Matou Meu Peixe”, “Mãe é Mãe”, “Passa-se

o Ponto”, “O último verso”, “Severino, um Nordestino”, “Despedaçada”, “Clandestinos”, “Monas Lisas”, “Lembranças” e “Palhaços no Olho da Rua”. No sábado, 06, foi realizada a cerimônia de premiação, com entrega de troféus e certificados, para os atores e atrizes, diretores e figurinistas, de destaque nas categorias amador e profissional.

CONFIRA OS VENCEDORES

CATEGORIA AMADOR Cena: Monas Lisas Direção: Filipe Correa (Monas Lisas) Figurino: Monas Lisas

CATEGORIA PROFISSIONAL Cena: Passa-se o Ponto Direção: Léo Souza – Daniela Moreno – Saulo Campos (Passa-se o Ponto) Figurino: Palhaços no Olho da Rua

Ator: Gabriel Oliveira (Monas Lisas)

Ator: Filipe Correa (Palhaços no Olho da Rua)

Atriz: Maria Eduarda (Quem Matou Meu Peixe)

Atriz: Daniela Moreno (Passa-se o Ponto)

O Teatro Vânia Campos receberá, amanhã, 14, mais um espetáculo do Circuito Cultural Belgo Bekaert. A partir das 18 horas, as crianças poderão se divertir com as aventuras de Aladim. A montagem é baseada no clássico da literatura infantil que já encantou gerações. E levará ao palco, mais uma vez, a saga de um homem que pretende usar a oportunidade de fazer três pedidos a um poderoso gênio para conquistar a princesa. A entrada é gratuita.

Teatro Sílvio de Mattos recebe Eros Prado e o “Pagode da Ofensa” na próxima terça Quem gosta de comédia, tem programa para a noite de terça-feira, 16. Eros Prado, do grupo “Pagode da Ofensa”, estará em Itaúna, com o espetáculo “Entre Risos e Rimas”. Revelado no “Pânico na TV”, o humorista é hoje um dos grandes sucessos da internet e promete muita diversão para quem comparecer ao Teatro Sílvio de Mattos, onde fará sessão única, a partir das 19h30, ao lado de Rafael Pequeno. A dupla levará ao palco vários personagens famosos dos quadros nos programas de televisão, caso de “O Inconveniente”. Além disso, como de costume, em todas as localidades por onde passam os comediantes, serão abordadas piadas referentes ao cotidiano da cidade, com foco em lugares e personagens populares. Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente. Mais

informações pelo telefone 32436395 ou 3243-6425. História de sucesso Nascido em Montevidéu, no Uruguai, e criado em Pinhalzinho, interior de São Paulo, Eros Prado ingressou, aos 16 anos, no grupo ArteAtrando, na cidade paulista de Amparo. Ele ganhava a vida como animador de hotéis e em um desses estabelecimen-

tos, conheceu Márvio Lúcio, o Carioca, do “Pânico na TV”. Indicado para um teste, o rapaz permaneceu no programa por três temporadas. Com experiência em teatro e animação, faz apresentações diferenciadas e interage muito com a plateia. O humorista também é conhecido pelo canal “Pagode da Ofensa”, na plataforma YouTube, que conta, atualmente, com 2 milhões de inscritos.


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 05

TROFÉU EVIDÊNCIA 2018

Entrega do prêmio para empresas e profissionais liberais terá cobertura do programa Mistura Fina Sucesso de audiência em todo Centro-Oeste, Maurício Azevedo dará destaque, na televisão, às personalidades homenageadas

A cobertura pela equipe de um dos principais programas de entretenimento da região, o Mistura Fina, comandado por Maurício Azevedo, foi um sucesso na edição do Troféu Evidência do ano passado. E, a parceria continua firme para a noite de entrega

da premiação em 2018, que contará, mais uma vez, com a presença do jornalista, sucesso de audiência. “O Mistura Fina registrou, em 2017, a solenidade do Troféu Evidência. Conhecemos as histórias de sucesso ali apresentadas

e só nos resta parabenizar toda a equipe, que trabalha com muito zelo, o ano inteiro, para prestar homenagens justas e honestas a esses heróis que lutam para manter e, até mesmo, garantir o crescimento das empresas nesses tempos nebulosos. O sucesso sempre será a marca desse evento”, comenta Maurício Azevedo. A atração, transmitida pela TVI, de Pará de Minas, tem como foco a valorização da cultura da região, curiosidades e entrevistas. O projeto começou em 2003 e conquistou o público, principalmente após a mudança de formato, em 2012. Atualmente, o Mistura Fina chega a mais de 20 municípios. No programa, Maurício Azevedo, jornalista experiente, com 30 anos de profissão, busca valorizar os artistas e as manifestações culturais, além de mostrar os pontos

turísticos. “Premiar os melhores do ano em cada segmento é simplesmente valorizar todo empenho que nossos empresários, lojistas, industriais, prestadores de serviços, representantes do agronegócio e aqueles que contribuem para o desenvolvimento econômico dos nossos municípios. O Jornal S´Passo cumpre com maestria essa função, destacando sempre os que se esforçam, com a entrega da premiação. Cabe a nós, espectadores e imprensa, aplaudir a iniciativa e admirar aqueles que levantam esse importante troféu, uma vez que gerar riquezas e empregos neste país onde está cada vez mais difícil, com pesada carga tributária, diminuição do poder de compra do cidadão, achatamento dos salários e as perdas do dia a dia”, diz.

Nova estrutura da Expô Itaúna promete conquistar o público da cidade e região Festa começa na próxima quinta e será encerrada com a “Queima do Alho” Atrações

Terá início na quinta-feira, 18, a Expô Itaúna. A festa, que não foi realizada em 2017, desagradando um grande número de pessoas, voltou neste ano, com outros organizadores, novo formato e muitas atrações. A Exposição Agropecuária apresentará várias inovações, dentre elas, o camarote unificado à boate, com capacidade para 1.800 pessoas. No local, que conta com saída de som para todo o parque, haverá música ao vivo todas as noites, DJs e um corredor que possibilita a aproximação do público com o palco. Foram montados 60 espaços empresariais e cada um comporta até dez convidados. Outra novidade da Expô Itaúna, organizada pela FA Eventos, Tibúrcio Show, Alemão Eventos e Sindicato dos Produtores

Rurais, é o palco estilo árabe e a localização do mesmo, que foi invertida. Os camarotes contarão com bares, que servirão chope da Backer. Os responsáveis adiantaram ainda o valor da taxa de R$ 1 para uso dos banheiros, que serão mantidos limpos. Quem preferir poderá utilizar os químicos. Para isso, foram contratos profissionais que ficarão à disposição para garantir a manutenção dos sanitários. Haverá ainda praça de alimentação, estandes, como os da Toyota, Mitsubishi e Autotrans, além de uma baia com 44 animais. A estrutura também terá uma arena para rodeio, com provas funcionais todos os dias. A entrada será liberada todos os dias, à tarde, com o recolhimento às 18h e reabertura às 20h.

A festa será aberta na quinta-feira, 18, por Di Paullo & Paulino e depois se apresentará o cantor Thiago Carvalho. Sexta-feira, 19, subirá ao palco a sensação do momento, a dupla Matheus & Kauan, seguida de Willy & Ney. Sábado, 20, Eduardo Costa e após, Nando & Fernando. No domingo, 21, último dia de evento, “Queima do Alho”, a partir das 10 horas, com as principais comitivas da região. Para quem não conhece, essa é uma tradição dos peões de boiadeiro e foi transformada em uma das principais atrações nas exposições agropecuárias do Sudeste do país. O cardápio costuma contar com arroz carreteiro, feijão gordo, farofa de carne e churrasco. A comida é feita em

fogão improvisado, bem próximo ao chão. De acordo com os organizadores, a Expô Itaúna será um sucesso e moradores de várias cidades da região já garantiram ingressos. Pontos de venda dos ingressos Os ingressos antecipados para a Exposição Agropecuária de Itaúna estão sendo vendidos na Loja Âncora (também na filial de Pará de Minas) e no Sindicato dos Produtores Rurais. Também há pontos em Itatiaiuçu, na Pizzaria Ula Ula, e em Divinópolis, no Quiosque Central dos Eventos (Shopping Pátio Divinópolis). A entrada para a Expô Itaúna também pode ser adquirida pela plataforma www. centraldoseventos.com.br.


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 06

AEROPORTO, CIDADE NOVA E TRÊS MARIAS

PRECARIEDADE DAS RUAS MOTIVA RECLAMAÇÕES DOS MORADORES DA REGIÃO

Insegurança e sujeira nos lotes abandonados por proprietários são os principais problemas

causam preocupação aos moradores

Há alguns anos, conforme já mostrou, por diversas vezes, o JORNAL S´PASSO, a população do Três Marias faz queixas quanto à falta de infraestrutura. A reportagem percorreu o bairro nos últimos dias e constatou que as vias continuam esburacadas, o que gera riscos e muitos prejuízos. A

Na rua Aurélio Nazaré, no bairro Três Marias, parte da

A rua Vicente Nogueira Penido, no bairro Aeroporto, em toda

Além dos lotes abandonados, em vários pontos, a rua

pavimentação cedeu e os buracos estão por todo asfalto

sua extensão tem o calçamento irregular

Glaucos Corradi de Melo não tem passeios

situação é pior nas ruas Glaucus Corradi de Melo e Aurélio Nazaré. Outra questão que causa transtornos são os muitos lotes vagos, que, sem a devida manutenção e cercamento, acabam transformados em depósito de lixo e entulho, atraindo animais peçonhentos, ratos e baratas, além de servirem

Itaúna recebe atividades variadas na XVII Semana Espírita “O Sentido Existencial”. Esse é o tema da XVII Semana Espírita de Itaúna, que será realizada entre os dias 20 e 28 de outubro. Para a abertura, no sábado, está programada a apresentação da peça “Renúncia”, no Teatro Sílvio de Mattos, a partir das 19 horas. No domingo, 21, às 19h30, palestra “Estar no mundo e não ser do mundo”, na sede do Grupo Espírita Francisco de Assis – Gefa -, na rua Bonfim, 109, bairro das Graças. Na terça-feira, membros do

Grupo Espírita Eurípedes Barsanulfo - GEEF - receberão o público, na rua Agripino Lima, 158, Centro. No sábado, os organizadores abordarão “Os Valores do Espírito na Sociedade do Nada”, no Núcleo Nosso Lar, que fica na rua Professora Maria Linda, 158, no Residencial São Geraldo. O encerramento, no domingo, palestra a respeito de “Saúde Existencial”, no Albergue Fraterno Bezerra de Menezes, localizado na rua Manoel Ribeiro, 525, Santanense.

Associação do Murilo Gonçalves promove 7ª Festa das Crianças Já virou tradição no Murilo Gonçalves comemorar o Dia das Crianças em grande estilo. A comunidade se reúne anualmente para recolher doações e promover uma festa para a meninada do bairro. Este ano, será realizada a sétima edição, no dia 21 de outubro, das 09h às 15 horas,

na Praça Mãe Rainha. Os preparativos começam sempre no mês de agosto, quando os moradores se mobilizam para conseguir todos os materiais necessários e guloseimas. A criançada recebe sacolinhas com surpresas e têm à disposição brinquedos variados, que completam a diversão.

de abrigo para bandidos. No Cidade Nova, a prioridade é o aumento da segurança, já que, conforme os depoimentos, são frequentes as invasões de imóveis e assaltos. Moradores e comerciantes cobram ampliação do policiamento, que, de acordo com os relatos, não atende de forma

satisfatória, o que faz com que a comunidade fique à mercê dos criminosos. Quadra sem iluminação A falta de iluminação da quadra e o descarte de materiais inservíveis perto desse espaço de lazer e convivência

foram problemas apontados pelos entrevistados no Aeroporto. Os moradores reivindicam ainda o asfaltamento da avenida Vicente Nogueira Penido, principal ligação com o Morada Nova. A partir do cruzamento com a “Maria do Carmo Myrra”, sentido Cidade Nova, a via já é pavimentada.

Dívida do Estado compromete pagamentos dos servidores da Prefeitura de Itaúna Município quita na data prevista apenas salários dos servidores que ganham até R$ 1,5 mil, líquidos Os recorrentes atrasos dos repasses constitucionais pelo governo de Minas Gerais voltaram a causar transtornos na cidade, agora, com reflexos diretamente na vida dos servidores da Prefeitura, que aguardavam os pagamentos nesta quinta-feira, 11. A administração não conseguiu quitar a folha na data, que estava prevista desde o início do mês e, de acordo com as informações, até o fechamento desta edição, não havia previsão para os depósitos dos vencimentos. Apenas os funcionários que ganham até R$ 1,5 mil, líquidos, receberam. A dívida do Estado com Itaúna alcança hoje a cifra de R$ 18 milhões. Os débitos são referentes às cotas-partes do Imposto sobre

Circulação de Mercadorias e Serviços - ICMS - e Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores - IPVA -, transporte escolar e Fundo de Desenvolvimento e Manutenção da Educação Básica - Fundeb. Também não têm sido cumpridas obrigações com as áreas da Saúde e Assistência Social. A situação, conforme já declarou o Executivo várias vezes, é insustentável e compromete, além dos salários dos trabalhadores, os investimentos em obras e ampliação dos serviços à comunidade. AMM em alerta De acordo com a Associação Mineira de Municípios - AMM - o confisco dos recursos pelo

governo de Fernando Pimentel tem inviabilizado as gestões e, a cada dia que passa, a conjuntura vai ficando mais crítica. Em muitas cidades, os atrasos comprometerão o pagamento do 13ºSalário, que deve ser feito até 20 de dezembro, integralmente, conforme as normas da Consolidação das Leis Trabalhistas - CLT. A administração de Itaúna ainda não se pronunciou a respeito da gratificação natalina, que, aqui, é quitada em duas parcelas, a primeira delas, no mês subsequente ao do aniversário do servidor. A AMM realizou um levantamento, entre 13 e 18 de setembro, quando foram ouvidos 382 prefeitos mineiros de todas as regiões. Desse total, 24% já não estão conseguindo pagar em dia

os salários dos professores. Nesse universo (de 24%), em 27% das localidades já existia movimento de greve ou paralisação de professores; em outros 21% os prefeitos estão atrasando também os salários dos demais funcionários. O atraso do Estado para repassar os recursos constitucionais do ICMS e IPVA para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica - Fundeb - é a principal causa da situação enfrentada pelos gestores. A dívida do governo de Minas, hoje, com o Fundo é de R$ 2,7 bilhões. Os demais atrasos de repasses do Estado, que já acumulam dívidas de quase R$ 8 bilhões, atingem todas as demais esferas públicas municipais.

Eleitores podem justificar ausência às urnas pela internet e até 06 de dezembro Os eleitores mineiros que não compareceram às urnas no primeiro turno do pleito de 2018 e não justificaram a ausência no próprio dia da votação têm até 06 de dezembro para apresentar o requerimento. O pedido pode ser feito por meio de formulário entregue no Cartório Eleitoral ou pela internet, usando a plataforma Justifica, disponível em www.tre-mg.jus.br . Para acessar o sistema, basta

OUTUBRO ROSA Luta contra o câncer de mama

clicar o menu "Eleitor e Eleições”, selecionar o item "Justificativa Eleitoral" e seguir as instruções. O cidadão deverá identificar-se corretamente no formulário, informar o motivo da ausência e anexar, de forma digitalizada, o comprovante da impossibilidade de comparecimento. O deferimento não é automático, vai depender da análise do juiz eleitoral. Como o voto é obrigatório, só motivos considerados

justos pelo magistrado dispensarão a multa. O andamento da solicitação pode ser acompanhado pelo sistema, que envia correspondência eletrônica para informar sobre o deferimento ou indeferimento. Quem não votou e não teve motivo justo para isso deve procurar pessoalmente o Cartório Eleitoral, a qualquer tempo, para possível pagamento de multa e regularização da situação. Em

Itaúna, o órgão funciona na rua Manoel Gonçalves, 44, Centro. Os eleitores que deixam de votar e não justificam a ausência às urnas ficam sujeito a uma série de sanções previstas em lei, como o impedimento de solicitar passaporte e de fazer matrícula em instituição de ensino superior. Quem não votar em três turnos seguidos, não apresentar justificativa e não quitar as multas devidas terá o título cancelado.

Valorize a vida.

O DIAGNÓSTICO PRECOCE FAZ TODA A DIFERENÇA

R$900,00

Lotes vagos e sujos na rua Glaucos Corradi de Melo,


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 07

Justiça transfere dez detentos do presídio para a Apac e outros 23 ingressam na unidade Secretaria de Estado de Administração Prisional não divulga mais lotação do prédio, para evitar riscos à segurança Foram publicadas nas edições do Diário Oficial de Minas Gerais, de 02 e 09 de outubro, as transferências de dez detentos do Presídio de Itaúna para a unidade da Associação de Proteção e Assistência ao Condenado – Apac. Três presos, Geraldo Paulo da Silva, Paulo Guilherme Pereira e Wilian Marcelino Santos Lima, conseguiram o remanejamento em 28 de setembro. Os demais, Alexandre de Oliveira Gonçalves, Ermensu de Souza Lage, Ezaquiel Alves de Freitas, Júlio César dos Santos, Marcelo de Oliveira Gonçalves, Wellington Alves Pereira e William de Andrade, estão na Apac desde o último dia 03. A medida, no entanto, não desafoga o Presídio, que recebeu mais 23 pessoas na última semana, levando-se em consideração apenas as novas matrículas divulgadas. Em 02 de outubro, foram ratificadas as inscrições de Alexandre de Oliveira Gonçalves, Bruno Henrique Martins Silva, Carlos José Batista, Daniel Filipe da Conceição Barbosa, Darlan José Guilherme, Einstein Eustáquio da Silva Pacheco, Huarley Alexandre de Aquino, John Lennon Goulart de Carvalho, Marcelo de Oliveira Gonçalves, Vanildon Roque Quirino Júnior e Weliton Aparecido Antu-

nes. Já nesta terça-feira, 09, ingressaram no sistema local, Alef Teixeira, Alexandre Lázaro dos Reis, Bruno Felício Pereira de Moura, Diogo Castro dos Reis, Douglas Ramos Souza, João Paulo Amâncio de Oliveira, José Luís Nogueira Martins, José Paula Silva dos Santos, Leonardo Henrique Chaves Meneses, Luiz Henrique Sales Candido, Nério Pereira de Faria Júnior e Samuel Tomaz dos Santos. O Presídio de Itaúna tem condição para receber cerca de 70 homens. Porém, há anos abriga muito mais pessoas, até o triplo da capacidade. A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Estado de Administração Prisional – Seap – para saber a atual lotação da unidade, no entanto, foi informada que a imprensa não tem mais acesso a esses dados, tratados como informações de segurança. Superlotação e rebeliões Em janeiro deste ano, mais uma vez, detentos da antiga cadeia, localizada na rua Santana, área residencial, no bairro das Graças, voltaram a fazer rebelião por causa da superlotação do prédio, que abrigava, na ocasião 226 pessoas.

Dupla invade casa para roubar e agride idoso Na madrugada de sexta-feira, 05, dois homens invadiram uma residência, na avenida Dorinato Lima. Conforme os relatos, um dos elementos portava arma de fogo, do tipo espingarda. Depois de quebrar a porta da sala, os indivíduos começaram a ameaçar

Os presos iniciaram uma greve de fome, seguida de motim. Familiares reuniram-se em frente ao prédio, em busca de notícias e informações sobre a situação. A aglomeração causou mais tumulto e houve necessidade de intervenção da Polícia Militar, controlando o fluxo de trânsito de veículos e acompanhando os protestos dos parentes. Em um dos momentos de tensão, os presidiários atearam fogo às dependências do imóvel e o restabelecimento da ordem ficou a cargo dos agentes penitenciários. De acordo com nota da Secretaria de Estado de Administração Prisional - Seap - à época, durante os procedimentos de contenção, um preso acabou atingido por uma munição de polietileno (menos letal). Ele foi encaminhado para o Hospital Manoel Gonçalves, onde recebeu atendimento médico, foi liberado e retornou à unidade. Aproximadamente cinco meses antes, os detentos já haviam realizado uma manifestação, fazendo greve de fome, com o apoio dos familiares, que acompanharam o movimento do portão. Na época, conforme informações levantadas pelo JORNAL S’PASSO, havia 20 pessoas a menos do que em janeiro, no local, sendo cada cela

Em janeiro deste ano, presidiários fizeram motim por causa das condições do imóvel, que chega a abrigar até três vezes mais pessoas que a capacidade; familiares reuniram-se e também pediram providências às autoridades

ocupada por uma média de 35 presos. Com a repercussão do caso, 18 deles conseguiram transferência para a Apac, o que amenizou um pouco a situação. Projeto engavetado Após muitas promessas, em 2011, foi liberada, oficialmente, a construção do novo presídio da cidade,porém,oempreendimento acabou paralisado logo em seguida, sob as alegações de que houve falhas no processo licitatório e de necessidade de um novo certame. Em 2013, durante

os moradores: um idoso, de 68 anos, agredido com tapas na cabeça, e a esposa dele. O assaltante que estava armado recolheu aparelhos de celular, televisores e dinheiro. Em seguida, a dupla fugiu no veículo das vítimas, em direção ao Centro.

pareceu ao local, onde prestou os primeiros socorros a uma das vítimas, que teve ferimentos leves. Os demais envolvidos não necessitaram de atendimento.

Dnit aponta falta de investimento nas estradas federais Dos 57,2 mil quilômetros de rodovias federais pavimentadas no Brasil, sob a administração do Departamento Nacional e Infraestrutura de Transportes - Dnit -, 59%, de acordo com o órgão, apresentam bom estado de conservação. O percentual divulgado representa o total de 33,7 mil quilômetros. Os dados mostram ainda que 18% das rodovias estão em situação regular; 10%, ruim; e 13%, péssimo. O Índice de Condição da Manutenção - ICM - publicado pelo Dnit nesta semana mostra que, em um ano, as estradas consideradas péssimas aumentaram cinco vezes, enquanto as vias classificadas como boas diminuíram aproximadamente 12 pontos per-

centuais. O Dnit credita o resultado ruim à diminuição de repasse de recursos destinados à infraestrutura rodoviária. A pesquisa foi feita com o objetivo de apresentar uma radiografia das condições da malha federal. O ICM é obtido com a soma do índice do pavimento – que tem peso de 70% na nota final – com o índice de conservação. Os critérios para avaliação do pavimento consideram a ocorrência e a frequência de defeitos no pavimento, enquanto os de avaliação da conservação analisam a roçada (altura da vegetação), a drenagem (dispositivos superficiais) e a sinalização (elementos verticais e horizontais).

administrativa, de saúde e triagem; guarda externa; canil; subestação abrigada; dois conjuntos de distribuição de energia; depósito de lixo; área para reservatórios; guarita intermediária; depósito para gás e portaria, totalizando 4,8 mil metros quadrados de construção, em um único pavimento. De acordo com o projeto inicial, apresentado pelo governo do Estado, o novo Presídio de Itaúna, localizado a sete quilômetros do Centro, na estrada das Tocas, a 200 metros da rodovia MG-050, já deveria estar concluído há pelo menos quatro anos.

Judiciário acata pedido da Defensoria Pública e proíbe Polícia de apresentar presos provisórios

Acidente entre caminhões deixa um ferido na rodovia Na tarde de quinta-feira, 11, uma pessoa ficou ferida após uma colisão entre dois caminhões na MG-050, Km 95. O Corpo de Bombeiros foi acionado e com-

uma visita técnica, a comissão de segurança pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais – ALMG – anunciou a retomada do projeto. Porém, não houve qualquer movimentação nesse sentido. O empreendimento segue sem previsões. Conforme o edital, lançado após compromisso feito pelo então governador, Antônio Anastasia, a unidade prisional teria capacidade para 302 homens. Foram anunciados investimentos de R$ 12,7 milhões, que contemplariam bloco de celas com 2,8 mil metros quadrados; área

A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG - acatou o agravo de instrumento impetrado pela Defensoria Pública, proibindo que as polícias Civil e Militar façam a apresentação, à imprensa, de um preso provisório. A decisão modifica a decisão da

Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte, que negou o pedido. O órgão ajuizou uma ação civil pública, sob a alegação de que a prática expõe, de forma desnecessária, uma pessoa que tem a seu favor, garantida pela Constituição, a presunção de ino-

cência. No entanto, o juiz de primeira instância, em tutela provisória de urgência, argumentou que o perigo de dano consiste exatamente no fato de que “diuturnamente diversas pessoas são submetidas a procedimento ilegal, violador de direito da personalidade cuja reparação integral é impossível”. Além disso, magistrado afirmou que não havia uma resposta concreta para o caso, porque há um conflito de princípios constitucionais e não foi demonstrado que a exposição dos presos violava o princípio da publicidade. Por discordar, a Defensoria impetrou um agravo de instrumento. O desembargador Alberto Vilas Boas, relator do caso, modificou o despacho, baseado no parecer da Advocacia-Geral do Estado. Ele enten-

deu que a apresentação de preso provisório viola a Constituição no que tange à proteção da intimidade e à honra. Segundo o desembargador, trata-se do mesmo dispositivo que dá ao detento o direito de não ser exposto ao sensacionalismo. A decisão abre exceção, nos casos em que a medida viabilize que outras pessoas, que talvez tenham sido vítimas do acusado, possam fazer o reconhecimento e contribuir com as investigações. Nessa situação, segundo o magistrado, pode ser cabível divulgar a imagem de um preso, por exemplo, pela própria necessidade de se obter novas denúncias. Para isso, as polícias terão que solicitar ao juiz autorização, informando as razões.

Concessionária anuncia interdição da MG-050 para lançamento de vigas do viaduto na região de Divinópolis Na próxima semana, a MG-050 ficará interditada para lançamento de oito vigas do novo viaduto de retorno, localizado na altura do Km 132,8, na região de Divinópolis. De acordo com informações da concessionária da rodovia, a operação especial terá início às 07 horas de terça-feira, 16, e será estendida até 17h da quarta-feira, 17. Durante o período, haverá restrição ao acostamento e parte da pista, em direção a Belo Horizonte, com o tráfego desviado para o lado contrário, em mão dupla. Está prevista a instalação de quatro elementos da estrutura por dia. Em cada um dos proces-

sos, a empresa implantará o “Pare e Siga”, durante 40 minutos e o trânsito fluirá sentido São Paulo. No entanto, nos momentos de içamento, a estrada será total-

mente bloqueada. De acordo com os responsáveis, a medida é necessária para garantir a segurança dos usuários, reforçada com placas nos pontos sob inter-

venção, além de dispositivos de alerta noturnos. A recomendação é para que os motoristas redobrem a atenção e respeitem a sinalização nesses trechos.


Sábado, 13 de outubro de 2018

Página 08

EXPÔ ITAÚNA 2018

VITÓRIA NAS URNAS

Está a todo vapor os preparativos para a Expô Itaúna 2018. Esta semana, estivemos no Parque de exposições onde acompanhamos junto dos organizadores, Rafael Alemão, Fábio Aguiar e Anderson Tiburson como o evento está sendo planejado em cada detalhe para os itaunenses! O melhor está por vir!

O nosso amigo Gustavo Mitre, grande empresário do ramo da comunicação em Itaúna e também advogado, venceu as eleições 2018 e em primeiro de janeiro de 2019, vai assumir a cadeira de deputado estadual na Assembleia Legislativa. Político super atuante e participativo, ele está pronto pra fazer um trabalho fabuloso em prol de nossa cidade e região! Parabéns Gustavo! Foi mais que merecida essa grande vitória! A comemoração foi no Vinil Rock Bar após uma bela carreata pela Avenida Jove Soares.

CONCURSO RAINHA E PRINCESA DO RODEIO Destaque Aniversariante do próximo dia 23, o reitor da Universidade de Itaúna, Faiçal David Freire Chequer, foi reconduzido ao cargo, por unanimidade, pelo Conselho Universitário, para mais um mandato.

A aniversariante do mês, a super chef, Isaura Araújo e as irmãs, Soninha, Luzia e Vera

FESTEJANDO Minha queridíssima amiga Samara Penido ao lado do marido Flávio, leia-se Bahia Tour, abriram as portas de sua linda casa para receber a sociedade Itaunense em mais uma badalada comemoração. Pelas fotos e comentários a festa foi deslumbrante cheia de energia. Buffet de Isaura Araújo e decor de minha amiga talentosíssima, Nágela Maromba. Desejamos a Samara mais sucesso em tudo o que ela fizer!

CERVEJADA DAS ATLÉTICAS No último dia 04, a festa foi top no Arena Music Bar com Nando e Fernando, Dj Will e várias atrações que agitaram a noite. Muita gente bonita e bacana da Universidade de Itaúna compareceu ao evento que foi até altas horas. Quem marcou presença gostou de tudo o que aconteceu! Os nossos parceiros Carlos Lopes e Marcos Augusto estiveram na linha de frente do evento junto com uma competente comissão organizadora!

Sonara Gontijo e Luiz Fernandes

ANIVERSÁRIOS Registramos o aniversário da nossa querida Elza Lopes, no dia 6 de outubro. Elza foi durante muitos anos colunista do Jornal Brexó e é muito querida pela sociedade itaunense. Também no dia 06, quem completou mais um ano de vida foi a escritora Maria Lúcia Mendes e a sempre animada empresária, Fara Lúcia. Felicidades para elas que tanto merecem. ppp

A empresária Sonara Gontijo foi a feliz aniversariante do dia 07 e comemorou a data ao lado do marido, Luís Fernando Freitas. Eles formam um casal nota 1000. ppp

A competente contadora Celita Gonçalves Costa, trocou de idade dia 11 e foi muito abraçada pelos amigos e familiares. Desejamos felicidades e muitos anos de vida para ela. Já no dia 14, a sempre elegante bailarina, Elina Maria Bernardes emplacou nova idade. ppp

O deputado estadual eleito, Gustavo Mitre com este jornalista na comemoração da carreata da vitória

A exposição esse ano vai contar com grandes novidades e uma delas é a eleição da rainha e princesas do rodeio. Elas foram escolhidas na última quinta-feira em um evento que aconteceu no Engenho Prainha. Em tempo, a organização do concurso é de Joel Camargos.

Dia 15 de outubro a empresária Isaura Araújo, que assina o buffet com seu nome e é um dos mais solicitados de toda região vai completar mais um ano de vida. Dinâmica e sempre de bem com a vida, Isaura é uma das mulheres mais bem da nossa cidade e muito querida. Parabéns Isaura!

Os promoters Carlos Lopes e Marcos Augusto com as beldades itaunenses, na Cervejada das Atléticas

PUB A sensação do momento em Itaúna é o Pub Sr. Espeto que tem um ambiente agradável, garantia de boa diversão e baladinhas imperdíveis pra galera jovem de Itaúna. A cidade precisava de um espaço assim. Todo o final de semana tem boas e grandes atrações no Sr. Itaúna.

A belíssima fotógrafa, Dafne Aynara

FALE COM A COLUNA Entre em contato com a coluna: mateusreisrocha@ gmail.com. Sugestões são bem vindas e o nosso endereço para correspondências é rua Wenceslau Braz, 34, bairro Cerqueira Lima. Instagram: @realmateusreis

ONDE VOCÊ ENCONTRA O JORNAL S’PASSO GRATUITAMENTE

CHURRASCARIA CASABLANCA RUA CASSIANO DORNAS, 212

O lindo Thomás, filho do casal Rejane e Ricardo

Jornal S'PASSO edição 1260  
Jornal S'PASSO edição 1260  
Advertisement