Page 1

ANA CRIS PHOTO, DIVULGAÇÃO

Sucesso consolidado

Feira voltada para soluções tecnológicas e inovações no setor ambiental encerrou a 8ª edição atingindo expectativas Página 21

3452.6188

Mecânica e Retificadora

Sonza & Scarduelli

BENTO GONÇALVES - Sábado

ARQUIVO

- 14 de abril de 2018 -

Lei Maria da Penha

ANO 51 N°3429 - R$ 3,00

- www.jornalsemanario.com.br

Armamento pesado

Delegada Deisi Salton Brancher Ruschel fala sobre mudanças na legislação, que passou a criminalizar o descumprimento de medidas protetivas

Página 30

Hoje, das 14h às 18h, vá viver momentos especiais Além do Rock Style Festival, evento promovido pela Casa proporciona uma gama de outras atrações Caderno S

Cirurgia a Laser | Catarata | Ceratocone

Rua Ramiro Barcelos, 550 | Sala 702 | Cremers 28175 Fone: 54 3055.4449 | 99138.2513 | Bento Gonçalves

Oportunidade Leilão de 150 veículos será realizado dia 30 Ação ocorre na rua Francisco Meneghetti, no centro de Garibaldi. Ao todo serão vendidos no local 33 carros em condição de rodar e outros 117 para desmanche Página 24

Centro Clínico Dr. Antônio Casagrande Rua José Mário Mônaco, 393 | Sala 203

Fones: 3451.1422 | 3701.1366

CREMERS 19143 - RQE 16698

Promoções inovam o DiPaolo

Página 31

PRF, REPRODUÇÃO

“Esperamos PRF apreende 13 que encoraje fuzis na BR-470 foram encontradas em Bento após a denúncia” Armas revista a um veículo que vinha do Paraguai


2 OPINIÃO

EXPEDIENTE

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Editorial

Outra conquista para Maria

SEDE Wolsir A. Antonini, 451 Bairro Fenavinho - FONE: (54) 3455-4500 Caixa Postal 126 95 703.362 - Bento Gonçalves - RS DIRETOR PRESIDENTE HENRIQUE ALFREDO CAPRARA DIRETORES ANA INÊS FACCHIN HENRIQUE ANTÔNIO FRANCIO

FAZ PARTE DA SUA VIDA

JORNALISTA RESPONSÁVEL HENRIQUE ALFREDO CAPRARA Registro Prof. DRT 3321 Circulação Quartas-feiras e sábados Somos filiados à ADJORI / RS Este jornal não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados e não devolve originais que não foram publicados.

O presidente sancionou lei que tipifica como crime de descum- turidade politica, jurídica, social e humana em executar os ditames primento de medidas protetivas de urgência e estabelece punição da mencionada lei. aos agressores, independentemente do caso estar ou não vinculado Nunca se lutou tanto pela efetividade de uma lei, pois o cenáa inquérito policial ou processo penal, o que irá facilitar a aplicação rio é assombroso, os números apontam que o Brasil é o 5º país de ações que ampliem a proteção das vítimas. O texto altera a Lei em mortes de mulheres em todo mundo e a omissão múltipla Maria da Penha, que em seus 11 anos de vigência tenta ampliar o é evidente. De acordo com pesquisas do DataSenado a Lei Marol de ferramentas no combate à violência doméstica. ria da Penha é conhecida por 99% das mulheres entrevistas, ao Com a mudança na lei, as consequências passam a ser mais rígi- menos de ouvir falar da sua existência, o que já nos aponta um das. Agora, o homem pode ser preso em flagrante grande avanço. Sua notoriedade no arcabouço A Lei Maria da Penha não porque ele descumpriu uma medida protetide leis é um símbolo de resistência e coragem. va, mas pelo crime atrelado à ação. Ou seja, ele Festejar o endurecimento de prerrogativa é um patrimônio será processado por mais um crime de violência presentes na Lei Maria da Penha requer uma humano e igualitário, contra a mulher, além da eventual ameaça, lesão fotografia sem filtros, pois a realidade denuncia um símbolo de luta e corporal, cárcere privado, que levou a ter uma que as ações implantadas até o momento não ferramenta de ruptura foram capazes de banir a violência da vida das medida declarada. Isso é muito importante porque dá um caráter mais intimidatório e preventimulheres brasileiras. Acrescente-se que, apesar vo aos crimes de violência contra a mulher. dos descompassos apontados, a Lei persiste viva e palpitante, pois Na galeria das legislações brasileiras a Lei Maria da Penha, des- suas letras e artigos tratam de direitos nobres, de prestações juristaca-se como uma das melhores. Ressalta-se que, apesar da sua dicionais efetivas, envolvimento e comprometimento em rede e pojuventude, ao longo dos 11 anos de sua promulgação, representa liticas públicas afirmativas. A Lei Maria da Penha é um patrimônio um marco no que tange a proteção de mulheres, a prevenção a vio- humano e igualitário, um símbolo de luta e ferramenta de ruptura lência doméstica e punição de agressores, entretanto falta-nos ma- capaz de reescrever histórias de mulheres e toda uma sociedade.

Artigo Fake News: o problema global que ameaça o exercício da democracia

FALE COM A GENTE Telefones: Central: 3455.4500 Rádio - Coordenação: 3455.4535 Noi - 3455.4513 ou 99923.1411 Atendimento ao assinante: 3055.3073 ou 99971.6364 E-mails: comercial@jornalsemanario.com.br classificados@jornalsemanario.com.br jornalsemanario@jornalsemanario.com.br editoria@jornalsemanario.com.br radio@radiorainha.fm.br revistanoi@revistanoi.com.br Sites: www.jornalsemanario.com.br www.radiorainha.fm.br www.revistanoi.com.br REPRESENTANTE EM PORTO ALEGRE Grupo de Diários Rua Garibaldi, 659, Conjunto 102 Centro - POA - Fone: (51) 3272.9595 e-mail: fernanda@grupodediarios.com.br

Semanário na Internet Siga-nos no Twitter: @jsemanario Curta a fan page: fb.com/jornalsemanario

Leia também no nosso site:

www.jornalsemanario.com.br

As notícias falsas estão mais próximas de você do que você pensa. E sabe por que? Porque o acesso à informação cada vez mais se torna muito mais veloz e democrático do que nunca, principalmente, por conta das redes sociais. De acordo com a pesquisa Consumo de Notícias do Brasileiro, realizada em parceria entre BonusQuest e Advice Comunicação Corporativa, 78% das pessoas se utilizam das redes sociais para se informar. Mais que isso, 42% dos pesquisados admitiram que em algum momento já compartilharam alguma notícia falsa para sua rede de seguidores. Talvez a informação mais grave revelada pelo levantamento é que apenas 40% checa as informações antes de compartilhar. Números surpreendentes, não é mesmo? No momento em que as redes sociais, tornaram-se relevantes ambientes de debates para os mais variados temas, criou-se um espaço fértil para disseminação de notícias falsas com os mais variados objetivos, desde piadas relacionadas aos esportes até destruição de reputações de pessoas públicas. Historicamente, notícias falsas não são novidades, mas a velocidade e o alcance que a Internet possibilita tornam as Fake News um problema gigantesco dentro do contexto que vivemos. Somos contemporâneros de uma era de divisão da opinião pública em praticamente todas as questões fundamentais da sociedade. Infelizmente, este é o terreno propício para a proliferação de mentiras que de uma forma ou de outra, chegarão ao “feed” de nossas redes sociais. Há uma frase atribuída a Goebbels no século passado que diz que uma mentira contada à exaustão acaba se tornando uma verdade. Esta é a intenção de quem cria e propaga fake news. De acordo com a análise de dados da SHIFT Communications, agência americana de comunicação, 97% das notícias falsas são compartilhadas no Facebook. Segundo a empresa, as fake news ocupam 0,1% do total de notícias nas redes sociais em qualquer mês. Apesar de ser um número baixo, elas são compartilhadas 50% a mais do que as notícias reais - e a grande maioria (96%) dos usuários das redes está compartilhando as fake news com base em manchetes, não por conta do conteúdo. No prisma político, este problema já é uma realidade. Nas eleições americanas que elegeram Donald Trump como presidente, por exemplo, uma enxurrada de informações desencontradas – muitas até absurdas – tiveram mais repercussão que as notícias trazidas ao público por veículos de notícias tradicionais como jornais e revistas. Notas falsas sobre apoio

de personalidades a determinados candidatos e até a morte de supostos inimigos políticos de outros “bombaram” na rede durante o período eleitoral e podem sim ter afetado a opinião pública durante o processo. Segundo David Rand, professor de psicologia em Yale e autor de um estudo sobre Fake News, “Um dos maiores desafios aqui é que, em certo sentido, as mídias sociais, e o Facebook em particular, são realmente projetadas de uma maneira ideal para desencorajar o pensamento analítico. O ambiente básico das mídias sociais não é algo que predisponha as pessoas a pensarem cuidadosamente sobre o conteúdo com o qual estão interagindo.” Diante de um cenário tão propício, a tecnologia não poderia ficar de fora. A automatização de ferramentas de publicação possibilitou o surgimento de contas robôs, que são controladas por softwares e se fazem passar por seres humanos. De acordo com estudo da FGV/DAPP, este tipo de conta foi responsável por mais de 10% das interações no Twitter nas eleições brasileiras de 2014. Talvez por este motivo uma pesquisa divulgada em setembro de 2017 pela GlobeScan aponte os brasileiros como os mais preocupados com o que é real e o que é falso na internet. Em outubro teremos novas eleições para sucessão presidencial, de governadores e renovação de deputados e senadores no Brasil. Fatalmente nos depararemos com as mais diversas Fake News daqui pra frente. Os robôs estão cada vez mais sofisticados e serão usados tanto para conquistar seguidores para determinado candidato, quanto para atacar opositores disseminando informações que influenciem a opinião pública. Para um futuro próximo, tecnologias de Big Data, Inteligência Artificial (AI) e Machine Learning (ML) podem ser a solução para barrar as fake News, que podem ter os seus sistemas configurados para identificar possíveis notícias falsas, analisar grandes quantidades de dados, assim como executar ações para alertar a necessidade de interferência humana para verificação da credibilidade da informação. A tecnologia será a solução para que a verdade sempre se sobressaia em um mar de notícias falsas.

ADEMIR PICCOLI Advogado


PAINEL 3

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Foto do leitor

Ilustra’s Stock Até amanhã, ocorre a segunda edição do Ilustra’s Stock. O evento é alusivo ao Dia Internacional do Desenhista que é comemorado neste domingo, 15. Hoje, das 10h às 16h30min, acontece a

Feira Livre, com entrada gratuita. Também haverá aula aberta com professor Micael Biasin e seus alunos, às 16h. Já às 18h, ocorre a palestra “Pensar desenho - linhas e variações”, com o palestrante

Anderson Luiz de Souza, com entrada gratuita. Amanhã será realizada a oficina de desenho humano, com modelo vivo, com o professor Douglas Garcia Dias, às 14h. O investimento é R$ 50.

Aula experimental de inglês gratuita para crianças O Senac Bento Gonçalves promove o evento “Welcome to”. Trata-se de

uma aula experimental de inglês gratuita para crianças não alfabetizadas, de 4 a 6 anos, que ocorre no no dia 24, terça-feira, das 9h30min às 11h30min. A aula experimental objetiva apresentar o curso, a es-

trutura da escola e o método utilizado pela docente. Para participar é necessário realizar inscrição prévia pelo telefone (54) 3452.4200 ou de forma presencial (rua Saldanha Marinho, 820). As vagas são limitadas.

?

A pergunta que não quer calar Caxias: dois presídios interditados com presos em delegacias e veículos. Vacaria com o presídio interditado. Está surgindo um novo presídio em Caxias e um regional em Bento. Os marginais que estão presos em delegacias e veículos agradecem?

Guia Descorchados 2018 indica quatro espumantes da Aurora A Vinícola Aurora participou, em São Paulo, nesta semana, do evento de lançamento do “Guia Descorchados 2018” apresentando o espumante Aurora Extra Brut Pinto Bandeira Método Tradicional (I.P.), que recebeu 90 pontos no Guia. O espumante entra na publicação como um dos grandes destaques da região de Pinto Bandeira, na Serra Gaúcha, e como um dos melhores extra brut do país. Outros três espumantes da vinícola figuram entre os indicados no Descorchados deste ano: Aurora Moscatel, Aurora Procedências Brut Chardonnay e Aurora Procedências Brut Rosé (88, 86 e 85

Tarin Holleben comaprtilhou conosco o registro do Outono. Segundo ela, “caracterizado pelo amarelar das folhas... é o charme da estação”. Use a hashtag #jornalsemanario no Facebook e Instagram ou envie seu registro para o Whatsapp

Feira do Peixe Vivo Ocorre hoje mais uma edição da Feira do Peixe Vivo. A comercialização acontece das 7h30min às 11h, junto à Feira do Produtor Rural, próximo à Praça Centenário.

Para os interessados haverá a venda das espécies: Carpa Capim, Cabeça Grande, Húngara e Prateada. A atividade ocorre tradicionalmente no segundo sábado de cada mês.

Charge

SILVANA GENTILINI

(54) 99177-6411

pontos respectivamente). O Guia Descorchados, do enólogo chileno Patrício Tapias, chega à sua 20ª edição, trazendo os melhores rótulos da América do Sul.

Envie informações, vídeos, fotos, sugestões de pauta. Cadastre o número na sua agenda de contatos.


4 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Opinião antoniofrizzo@italnet.com.br

AGORA VAI? Pois o nosso governo estadual segue o mesmo caminho que o seu colega de partido, antonio brito. Ninguém desconhece a “privataria” que brito levou a cabo no seu governo. “Vendeu” estatais gaúchas por preços “módicos” e entregou ao pedagiamento as principais rodovias do Estado, cercando as grandes cidades, sem pensar um mínimo nos cidadãos. A “privataria” entregou os ativos, as faturas para cobrar contas de luz e telefone, tendo o “cuidado” para que o povo gaúcho pagasse o passivo, inclusive o passivo oculto (reclamatórias trabalhistas) que montava em mais de 100 milhões. E acredito que até agora, passados mais de VINTE ANOS, esses passivos da CRT e CEEE ainda têm muito a serem pagos. O PMDB, com brito, Rigotto e Sartori ficou marcado por privatizações, aumentos de impostos e utilização de depósitos judiciais. Melhorou? Resolveu?

OU NÃO? O atual governador, logo ao assumir, enfiou goela (ou bolso) abaixo da população AUMENTO DE ICMS. Com a colaboração de seus aliados da Assembleia, o ICMS foi aumentado em 1% (era 17%, que na realidade significa 20,48% e passou para 18%, na realidade, 21,95%) em todos os produtos, sendo que nos combustíveis, comunicações e energia elétrica a paulada foi de 5%, ou seja, na realidade passou de 33,33% para 42,85%. Em síntese, os cofres do Estado estão sendo “regados” com vários bilhões de reais por ano. Resolveu? Não, claro, pois até os salários de servidores estão sendo pagos com atraso e parcelados. Rigotto aumentou impostos, não resolveu; brito, além de aumentar impostos, “privatizou” tudo o que pode; Sartori aumentou impostos, liquida com fundações importantes e quer porque quer vender estatais (imitando brito), tendo já vendido parte do Banrisul (imitando a Yeda Crusius, que também vendeu parte dele). E com tudo isso o Estado ainda está falido. Resolveram? Não, porque não adianta vendermos a mesa da cozinha se estamos devendo um milhão de reais. No máximo, conseguiremos ficar sem a mesa. E o RS ficou sem mesa, sem cadeiras e breve, sem vergonha.

Antônio

Frizzo

ATÉ QUE ENFIM! Depois de mais de uma década de entraves, eis que surge uma luz no fim do túnel: Bento Gonçalves terá um novo presídio. Já estava disponível toda a verba necessária, autorizada pelo governo federal. Isso há 12 anos. Mas, a “caranguejada”, sem nenhum constrangimento e sob o olhar complacente e omisso de toda a população, conseguiu impedir a obra, sob estapafúrdios argumentos. Perdemos a verba. O presídio continuou no centro da cidade e sequer foi explorado como “atração turística” (sim, qual cidade tem um presídio – uma bomba-relógio, como o qualificou o então major Marinho – no centro, no coração da cidade?). Pois é... Mas, eis que o governo do Estado resolveu abraçar a causa e, com permuta por imóveis (inclusive o do próprio presídio e delegacias), construirá o novo presídio. Dizem que até dezembro de 2018. Particularmente, considerando-se o histórico de todas as obras públicas, duvido muito que cumpram. Mas, poderemos ter renovadas esperanças que, mais dia, menos dia, o absurdo sairá do centro. Quem viver, verá!

Primeira Nunca pensei que depois de ter estudado tanto, lido tanto e ter acompanhado tanto a economia, poderia chegar ao ponto de dizer que não entendo absolutamente nada do que está acontecendo no Brasil;

Segunda Não entendo o porquê, porém os índices inflacionários oficiais divulgados não batem com o vivenciado no dia-a-dia, não só meu mas de muitos que ouça reclamar;

Terceira

CONSTITUIÇÃO? Quem já leu essa coisa que chamam de “constituição cidadã” (eu a li e reli muitas vezes, inclusive todas as suas Emendas), deve estar entendendo tudo o que se passa no Brasil. Nossa Carta Magna é um festival de incoerências, tanto que o STF nunca consegue chegar a um consenso sobre sua interpretação, que deveria ser pacífica. E toda a legislação que foi elaborada sob a égide dessa “constituição cidadã” serve apenas para tolher o direito das autoridades constituídas (ou óbvias, como a dos pais e professores, por exemplo). Os presidiários, por exemplo, decidiram incendiar colchões e nós, povo, pagamos a conta da reposição. Agora, graças à impunidade, incendeiam presídios inteiros. Afinal, quando surgirá alguém que dê soco na mesa e diga BASTA!? Sim, e faça com que eles, os incendiários, paguem tudo o que destruíram. Ah, não têm dinheiro? Simples: façam-nos trabalhar para pagar e enquanto não estiver tudo recuperado, que vivam entre os destroços que criaram.

REVOADA O evento realizado no Palácio Piratini foi deveras concorrido. O que poderia ser um ato simples, de algo que é um dever do Estado e direito de Bento Gonçalves, foi transformado num gigantesco ato político. Um grande número de funcionários públicos deslocou-se para Porto Alegre. Para fazer o quê? Aparecer na foto? Até a sessão da Câmara

Últimas

E quando todos entenderão que desemprego e baixa renda afligem, diretamente, a economia como um todo?

Quarta Alguém ainda têm dúvidas sobre a “imunidade” de gente do PSDB? Se tem, é melhor saber as últimas sobre Aécio, Alkmin e Serra;

Quinta Aliás, o PMDB, PT e PP, que são recordistas em gente processada e presa, deveriam exigir igualdade de tratamento, conforme a “Constituição Cidadã” determina;

Sexta deixou de ser realizada por ter apenas quatro vereadores presentes. Os demais devem ter contribuído muito para assinatura do documento, não? Aliás, houve uma revoada de vereadores recentemente e haverá outra agora. Resta saber quando divulgarão quais os benefícios que nós, que pagamos a conta, teremos com essas viagens.

O Inter e o Grêmio (mais conhecido no meio vermelho como “lanterna azul”) iniciam a participação no Brasileirão, desta vez ambos na série A. O que se poderá esperar deles? Só o tempo dirá!


SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

5


6 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Crônica

IGVariedades Itacyr Luiz

Giacomello italugi@yahoo.com.br | n° 2.126

C

onsepro - A linha de segurança... REUNINDO a imprensa, e convidados o CONSEPRO-Fundação de Apoio à Segurança Pública de Bento Gonçalves, café da manhã, 26-03-2018, na Sede CIC-BG –Centro Empresarial- liderado pelo presidente Laercio Pompermayer fez ampla explanação sobre as atividades da entidade, investimentos, a busca de recursos para aprimorar os órgãos de segurança, o melhor atendimento e transparência à sociedade. DEPOIS das palavras do ex-presidente do CONSEPRO e atual presidente do CIC-BG Elton Gialdi enaltecendo o trabalho que vem sendo realizado solicitou o apoio das forças vivas da comunidade para novos avanços da entidade. A prestação de contas do CONSEPRO período social 2017 foi detalhado pelo técnico contábil Marcos Fracalossi da Real Assessoria merecendo a aprovação dos presentes Um fator positivo para a maior segurança em nosso meio! DESTACANDO a importância do CONSEPRO a segurança da população e enaltecendo as atuais e futuras realizações o Secretário Municipal José Paulo Marinho frisou o empenho dos dirigentes da entidade em prol de uma cidade melhor para todos. É o CONSEPRO linha inteligente em ação! Vamos em frente! Envase Brasil – Brasil Alimenta NA Fundaparque, Bento Gonçalves-RS, acontece a 13ª Envase Brasil- Brasil Alimenta – de 24 a 27 de abril 2018- Pavilhão E. - O Diretor Executivo do evento Osmar Bottega-New Trade- a Envase Brasil- Brasil Alimenta espera reunir centenas de expositores, e milhares de visitantes. Expositores do Brasil e do exterior se farão presentes congregando tecnologia e atrações paralelas. O presidente Vicente Puerta, diretor comercial Joaquim Puerta e equipe, confiantes no sucesso da feira, 20 anos da Brasil Alimenta! Pinto Bandeira em festa... CUMPRIMENTAR o prefeito de Pinto Bandeira RS Hadair Ferrari, sua equipe administrativa e laboriosa comunidade pela realização em alto nível e diversificada programação relativa a Semana do Município.- COM uma serie de atividades e atrativos Pinto Bandeira encontra-se em festa neste final de semana- 13-14 e 15 de abril 2018 cuja programação envolve todos os seus moradores e cidades vizinhas. : Feira do Livro, Gincana Cultural, Shows, Missa da Colheita, Filó, Cantorias e Baile, Rústica, Apresentações de Bandas, Mostra de Carros Antigos, Material e Viaturas do 6º B.COM e Food Trucks. Haverá premiações e show de encerramento do Pinto Stock ao lado de muita confraternização. Parabéns Pinto Bandeira o caminho rumo ao seu desenvolvimento. O trabalho vence! Hospital Tacchini... E o Hospital Tacchini seguindo seu caminho em bem servir a comunidade de Bento Gonçalves e Região na área da saúde. Serviços especializados, estrutura e tecnologia em todos os setores, o Tacchini é referência. Por sua estrutura, atendimento, diagnósticos e tratamentos especiais. O Tacchini e seus dirigentes cientes em propiciar à comunidade o melhor em termos de saúde e sentir-se bem! A FRASE O que resta da vida, se o homem não pode escutar o sonoro canto de um pássaro?(.)

Cheque especial

Bancos vão oferecer parcelamento de dívida Cada instituição vai definir a taxa de juros dessa nova modalidade REPRODUÇÃO

O

s bancos vão oferecer aos clientes do cheque especial opção de parcelamento da dívida, com juros mais baixos, a partir de julho. A decisão foi anunciada na terça-feira, 10, pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Cada banco vai definir a taxa de juros dessa nova modalidade. O cheque especial é uma das modalidades de crédito com taxas de juros mais altas. Em fevereiro, chegou a 324,12% ao ano, enquanto a taxa média do crédito livre para as famílias ficou em 57,72% ao ano. “Pelas novas regras, as instituições financeiras terão sempre disponíveis ao consumidor uma alternativa mais barata para parcelamento do saldo devedor do cheque especial”, disse a Febraban, em nota. De acordo com a entidade, os consumidores que utilizam mais de 15% do limite do cheque durante 30 dias consecutivos vão receber a oferta de parcelamento.

Usuários que utilizarem o limite do cheque terão a possibilidade “A oferta será feita nos canais de relacionamento e o cliente decide se adere ou não à proposta. Caso não aceite, nova oferta deverá ser feita a cada 30 dias”, explicou a Febraban. Os bancos, pelos seus canais de relacionamento, também alertarão o consumidor quando ele entrar no cheque especial, “destacando que esse crédito deve ser utiliza-

Rizzardo supermercado

�mba�vel� Coxão de fora (pedaço)

13,77 kg

OFERTAS VÁLIDAS PARA SÁBADO DIA 14/04 WHATSAPP (54) 98128.1790

Kit tudão 1 (picanha+ entrecot+alcatra)

�mba�vel� Coxa sobrecoxa dorsal

Kit tudão 2 (bispo+ costela 1+capa de filé)

19,99 kg

24,99 kg

2,97 kg

do em situações emergenciais e temporárias”. A Febraban informou ainda que o valor do limite de crédito do cheque especial disponível para utilização deverá ser informado nos extratos de forma clara e apartada de modo a não ser confundido com valores mantidos em depósito pelo consumidor na conta corrente.

Bota forrada adulta

49,98 Cesto telado 10L

Kit tudão 5 (costela suína+ Kit tudão 4 (costela desossada+ coração peru+coxinha asa ) coração frango+linguiça campeira)

Kit tudão 3 (vazio+ costela 1+capa filé)

4,99 Forma pizza

19,99 kg

8,99 kg

14,99 kg

Arroz Gaiteiro 5Kg Batata inglesa

Café Bom Jesus 500g

Cordeiro uruguaio pale�nha

Tomate

19,98 Pantufa infan�l sucesso

8,97 un Cerveja Polar latão

0,87 Kg Cerveja Proibida latão

7,97 Un

1,99 Kg

Salame colonial Beija Flor

24,97 kg 29,90

Pão francês (leve acima de 15un)

Relógio grande de parede

2,51 un

2,17 Un

19,99 kg

5,99 Kg 29,98un


SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

7


8 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Crônica

Auxílio doença e invalidez

La Bela Polenta Denise

DaRé denisedarebg@gmail.com

C

om a devida “vênia”, acho que está na hora de pararem com as comemorações. Já se cumpriu a profecia. Chega de buzinaço e foguetório! Os ouvidos caninos não aguentam mais. Líder, imortal, coisa e tal, sem dúvidas, mas esse mimimi o tempo inteiro é dose até pra quem nutre paixões desvairadas. Vamos mudar de foco, que o mundo continua girando – todos nós que temos labirintite sabemos disso. E você que é fascinado, enfeitiçado, obcecado, idólatra, fanático pelo vermelho e que deve estar azul de raiva, acalme-se: um dia é da caça, outro, do caçador. Ou seja, um dia é do Inter, outro é do Grêmio. Se bem que ultimamente, um dia é do Grêmio, e o outro também... Deixando essas picuinhas de lado, vamos às historinhas de nosso pequeno grande universo amarelo, que não afrontam ninguém. Era uma noite de verão, nos idos de 1958. Os grilos orquestravam mais um capítulo da novela da roça, anunciando que a hora do jantar estava próxima. Eu, uma menininha de oito anos, fazia a polenta. Não a do tipo que faço hoje, misturando farinha de milho pré-cozida com água fria, sal e uma lambuzada de azeite e que, em cinco minutos, fica pronta. Era a verdadeira polenta italiana, numa calheira (panela de ferro) com o fundo encaixado no fogão a lenha, onde a gente ia colocando farinha na água fervente, aos poucos, pra não empelotar, mexendo sempre, até formar uma casca grossa que indicava o cozimento. Sentado a três metros do fogão, nosso “hóspede” (de tempos em tempos, pessoas singulares eram acolhidas por meu pai) tomava chimarrão. Eu, cumprindo rigorosamente a tarefa. De repente, ao completar o giro de 360 graus, ergui um pouco a “mêscola” e uma bela porção de polenta foi cair direto na mão do coitado. Foi uma cena patética. -Óia o que tu me fez! Óia o que tu me fez! – choramingava o magrão de dois metros de altura, sem tirar a bunda da cadeira. Felizmente, entrou alguém para quebrar o feitiço, ordenando: -Levanta daí, bota a mão na água, Cristo! Meu cérebro deletou as cenas seguintes, não sei se por autopreservação, ou por falta de espaço no HD. Lembrei desse fato por ocasião de uma lambarizada aqui em casa, cuja exigência dos convivas foi polenta à moda antiga. Obviamente, cedi meu espaço a uma especialista da área, que pilotou o fogão com competência. Mas, numa das suas rápidas escapadas ao andar de baixo, pra cuidar dos peixes, resolvi dar uma conferida na mistura erguendo a tampa... O vulcão explodiu! Vapor escaldante e lavas abrasivas foram expelidas violentamente atingindo um raio de centenas de centímetros. Por pouco a cozinha não foi interditada e eu não entrei em colapso. De tanto rir. Só no dia seguinte, entendi a gravidade da ocorrência: do teto, pendiam estalactites de polenta. Petrificadas.

INSS convoca perícia de beneficiários O governo federal publicou na quinta-feira, 12, no Diário Oficial da União, um edital que convoca para perícia médica pessoas que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), são 152,2 mil convocados, que devem procurar o INSS até 4 de maio. O edital de notificação faz parte do pente-fino que o governo federal realiza, desde agosto de 2016, nos benefícios por incapacidade pagos pelo INSS. O programa de revisão está em sua segunda etapa. O MDS, pasta a qual o INSS é vinculado, planeja realizar 1,2 milhão de avaliações médicas até o fim deste ano. Na quinta-feira, segundo o ministro Alberto Beltrame, o

REPRODUÇÃO

São 152 mil convocados que devem se apresentar até 4 de maio governo convocou para perícia beneficiários que precisam passar pelo exame obrigatório e não foram localizados em razão de endereço desatualizado ou com informações incorretas. Também foram convocados, via edital, beneficiários que receberam

a carta do INSS, que comunica a necessidade da revisão médica, mas não agendaram a perícia no prazo determinado. Quem teve o nome publicado no edital deve agendar a perícia pela Central de Atendimento da Previdência Social, no telefone 135.


GERAL 9

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Eleições 2018

Encontro reúne TREs em Bento Discussões que envolvem fake news, regras eleitorais e segurança nas eleições pautaram evento ocorrido nessa semana Lucas Araldi geral2@jornalsemanario.com.br

A

qualidade das eleições foi o principal tema de discussão do 72º Encontro do Colégio de Presidentes dos Tribunais Eleitorais (Coptrel), que ocorreu em Bento Gonçalves, no Dall Onder, na quinta e sexta-feira. O evento serviu para alinhar os discursos da Justiça Eleitoral, bem como para discutir fake news e outros temas pertinentes às eleições. A perspectiva do presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), desembargador Carlos Machionatti, é de que não haja grandes mudanças nas normas, porém, alguns detalhes podem ser revistos. “Pode mudar alguma coisa na data das convenções, até quando vai poder ser feito o registro das candidaturas, quais os valores disponiveis

nas campanhas eleitorais. São detalhes. A essência é praticamente a mesma. Como o eleitor vai exercer seu voto, que é o mais importante, não terá modificação nenhuma”, observa. Uma das preocupações do encontro envolve as fake news que foi, inclusive, tema da palestra de abertura. Segundo Marchionatti, os tribunais devem agir preventivamente e estar em contato com as empresas, para excluir as publicações assim que possível. “O problema é que nas redes sociais não existe um procedimento, como existe no jornalismo, por isso, as notícias falsas se multiplicaram”, analisa. Ele ainda comenta que o eleitor é o elemento mais importante para a Justiça Eleitoral, considerando que o voto é que define a eleição. “Ele tem que se conscientizar que precisa saber votar, que deve

votar conscientemente.Candidato faz mais ou menos votos. Candidato se elege ou fica suplente. Mas quem ganha ou perde a eleição, é o eleitor. Se ele votar bem, ganha. Se ele votar mal, perde”, analisa. Segundo o presidente do Coptrel, desembargador Márcio Vidal, circula no colegiado a proposta de um novo Código Eleitoral, que prevê outro ordenamento jurídico para a democracia do país. “O código vigente data de 1965 e, de lá para cá, ele já sofreu muitas modificações. Às vezes, elas nascem para contemplar os interesses de um momento e não propriamente os interesses da sociedade”, aponta. Vidal observa ainda que um sistema só responde bem se houver coerência e unidade, portanto, o encontro do Coptrel se torna muito importante. “Por si só, a razão é convergir forças e manter uma única

LUCAS ARALDI

Participaram presidentes de 27 TREs, um de cada estado e DF voz, porque nós todos somos conviventes do mesmo sistema legal. Nós queremos que isso faça tocar o sentimento de cidadania no eleitor. Que a política seja vista como um importante instrumento de vivência em sociedade. Espe-

ramos que tenhamos dias melhores e que todos possam ser ouvidos”, avalia. O encontro do Coptrel reuniu 27 presidentes de TREs do Brasil, um para cada estado da federação e do Distrito Federal (DF).


10 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Crônica

Enem 2018

Imigração italiana no RS

Prazo para solicitar isenção de taxa termina amanhã

Assunta

DeParis

Até o momento, 2,5 milhões de candidatos entraram com o pedido REPRODUÇÃO

O

“D

escubra tuas origens... vivifica tuas raízes... cada um de nós pode ser farol da civilização e estimular o progresso do mundo” (João Paulo II, em Santiago de Compostela, em 09-11-1982). Em 24 de dezembro de 1875, chegaram os primeiros moradores da Colônia Dona Isabel (hoje Bento Gonçalves). De acordo com registro no Fundo Documental, Imigração, Terras e Colonização, que se instalaram na esplanada (hoje Praça Pe. Rui Lorenzi, em frente a Igreja Cristo Rei - Bairro Cidade Alta. A história e a cultura da imigração se expressam e ficam registradas na forma de falar, de sentir, de se comportar, de trabalhar, de viver em uma civilização singular que ultrapassaram as fronteiras da região colonial e sse espalharam em todo o Estado do Rio Grande do Sul e do Brasil. Os visitantes buscam a HISTÓRIA E A CULTURA DE UM POVO QUE CONSTRUIU A SUA PRÓPRIA CIVILIZAÇÃO. Eles vieram para construirem os seus sonhos e com muita fé e vontade de trabalhar. Na Itália eram trabalhadores pobres que partiam rumo à América, fugindo da fome, da miséria, das doenças, dos baixos salários, do alto aluguel da terra. No século 19, a Itália passou por várias transformações. Os camponeses foram expulsos da terra. A indústria mostrou-se incapaz de absorver a mão de obra disponível. Assim, os italianos foram obrigados a buscar, em outros países, as condições de vida que sua pátria lhe negava. Ao chegarem no Rio de Janeiro, eram alojados na casa dos imigrantes, após transportados em vapores para Porto Alegre, numa viagem de dez ou mais dias. Na capital os alojamentos eram em prédios precários e dormiam nas ruas e praças próximas. De Porto Alegre seguiam em pequenas embarcações para São João do Monte Negro (hoje Montenegro). A imigração italiana para o Rio Grande do Sul foi iniciativa do Governo Imperial Brasileiro. O movimento tinha como objetivo “importar mão de obra” européia e vender as terras devolutas do Império, visando aumentar a população e principalmente produzir alimentos. O estado do Rio Grande do Sul, de 1875 a 1914, recebeu mais de 80 mil imigrantes, provenientes do Vêneto, Lombardia e do Tirol, atraídos no Novo Mundo pelo sonho da terra. OBS: Quero parabenizar a Escola Estadual Mestre Santa Bárbara, na pessoa da professora DANIELA, pelo excelente trabalho com os alunos do Ensino Médio, com o resgate, pesquisa e o Ensino da História da Imigração e a Evolução da linha do tempo do povoamento do nosso município. Parabéns professora e alunos.

prazo para solicitar a isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio termina no próximo domingo, 15. Até o momento, mais de 2,5 milhões de candidatos entraram com o pedido no sistema. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vai divulgar o resultado das solicitações na Página do Participante no dia 23 de abril. A partir daí, os estudantes que tiverem a solicitação negada poderão entrar com recurso até o dia 29 e enviar novos documentos.

Resultados das solicitações serão divulgados pelo inep, no dia 23 Caso a solicitação seja aprovada, o candidato também precisa fazer a inscrição no site

do Inep entre os dias 7 e 18 de maio – a aprovação da solicitação de gratuidade no pagamento da taxa não significa que a inscrição está realizada automaticamente. Serão isentos os estudantes que estejam cursando a última série do ensino médio neste ano em escola da rede pública, ou que tenha feito todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada e tenha renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio.


GERAL 11

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Invasão no Vila Nova

Moradores protestam por auxílio público Pessoas que moram no terreno invadido expuseram cartazes e gritaram palavras de ordem em frente à Prefeitura RANIERI MORIGGI

M

oradores de uma área invadida no bairro Vila Nova III em Bento Gonçalves realizaram um protesto em frente a Prefeitura Municipal na tarde de quarta-feira, 11. Eles querem apoio do Poder Público para que consigam um local para morar. Uma decisão da Justiça, expedida em 28 de março pela 2ª Vara Cível da Comarca de Bento Gonçalves autorizou o a reintegração de posse da área, pertencente a Anelice Cantelli Menegotto, autora da ação. Durante a manifestação Glaucia e Claudise Chaves, moradoras do local, que recebeu o título de Loteamento da Liberdade, contam que na semana passada foram notificadas da ação e que precisam sair da área no prazo máximo de 15 dias. No entanto, sem perspectivas, ambas não sabem o que fazer caso sejam despejadas. “Viemos para cá pedir ajuda da Prefeitura. Nós não queremos

despesas exigidas no processo e que exigiam que o município custeasse com as despesas para a remoção dos morados da área invadida. Josenil Rodrigues de Mello, representante dos moradores explicou aos manifestantes os próximos passos que o grupo deve tomar para tentar, na Justiça, a negociação para a compra dos terrenos no local. “O processo está em andamento e nos foi passado que devemos, judicialmente, entrar em um acordo com a família Menegotto, a fim de conseguirmos uma solução para ambas as partes. O advogado que está nos representando entrou com uma ação hoje e vamos aguardar o desenrolar dessa história”, explica. Segundo Mello, em conversas com moradores do loteamento, um dos proprietários do terreno havia informado que aceitaria negociar a venda dos espaços, porém, tudo de-

Decisão da justiça dá 15 dias para desocupação total do local a área de graça. Nós pagamos um pouquinho por vez. Aquele terreno estava abandonado, cheio de matos e cavalos. Hoje, há mais de 400 pessoas morando lá”, afirma Glaucia. “Tudo o que era tipo de lixo era jogado lá. Ninguém mandava no terreno. Entramos, construímos

casas e agora vem essa decisão e não sabemos para onde ir”, lamenta Claudise. Após cerca de uma hora de reunião com o Executivo, os representantes dos moradores saíram da Prefeitura com a informação de que o Poder Público não poderia arcar com as

Fruteira São Roque

verá ser negociado via Justiça. “Como represente dos moradores, aceitamos esse acordo, pois ninguém está lá por que quer. Então tentaremos a conciliação com a família para buscar uma solução”, explica. Os motivos para a chegada de famílias ao terreno vão desde o alto valor do aluguel até a falta de emprego. Os invasores, como são chamados, garantem que este foi o meio encontrado para conseguirem viver com suas famílias. Em condições precárias, sem luz, água e esgoto, eles se viram, construindo seus casebres em meio ao mato e esperando por um posicionamento dos órgãos municipais e da Justiça, que deve expedir a decisão de reintegração de posse nos próximos dias. Enquanto isso, o número de assentados não para de crescer. Famílias apontam falta de planejamento e políticas públicas para diminuir o problema.

A sua fru tei ra !

Av. São Roque, 363 | Fone: (54) 3451-1370

ABERTO TODOS OS DOMINGOS

NÃO TEMOS FILIAL

3,85 Kg

9,

Coxa e Sobrecoxa de Frango Congelado

Agulha Bovina Com Osso

7,89

24,Kg49

R$

R$

R$

R$

47 Kg

Maminha ou Chapéu de Bispo Bovino

2,25

Imagens meramente ilustrativas.

un

Cerveja Proibida Latão 473 ml (Quente)

R$

3,79

R$

2,69 un

Farinha de Milho Burati | 1 kg

2,18

un

Sukita Uva e Teem | 2 Litros

9,

R$

un

Leite Longa Vida Languiru | 1 Litro (Limite de 60 un. por cliente)

R$

9,97 un

Papel Higiênico Dualette | 12 Rolos

Café Solúvel Iguaçu Lata | Leve 200 gr Pague 180 gr R$

3,87 un

Ajax | 500 ml

Costela Suína

6,

un

2,

2,

un

Feijão Preto Azulão | 1 kg

un

Água Sanitária QBoa | 1 Litro

Pacote

97 un

R$

13,Kg97 Presunto Perdigão R$

7,97

R$

2,49

un

un

Massa Caseira Fritz e Frida | 400 gr

Açúcar Alto Alegre | 5 kg

R$

R$

35

99

Salsichão Languiru Pacote 1 kg R$

97

Farinha de Trigo Nordeste | 5 kg R$

8,

97

Kg

R$

69

R$

10,

Carré e Pernil Suíno R$

R$

R$

Kg

3,89 un

Desinfetante Gota Limpa | 2 Litros

1,19 un

R$

1,95 un

Detergente Gota Limpa | 500 ml

Sabonete Protex 90 gr

OFERTAS VÁLIDAS PARA 14/04 e 15/04 ou ENQUANTO DURAREM OS ESTOQUES.


12 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Educação profissional

Programação maio

Senac certifica novos confeiteiros

Dia: 08 de maio

CLEUNICE PELLENZ

Palestra “Como Transformar seu Negócio em uma Franquia de Sucesso”. Com Arthur Burlamaque, CEO do Franchisng Group Conteúdo: Particularidades sobre esse modelo de negócio e oportu nidades de franquias para a região

Confeiteiros com a diretora Rosângela Jardim e professores Edivan Woisthoski e Lucindo Trucolo Jr.

Dias: 22, 23 e 24 de maio Curso Atendimento ao Cliente Com Roberta Oselame Conteúdo: Relacionamento com o cliente e administração de reclamações

Dia: 22 de maio Curso: Formação de Gestores para o Comércio CDL em parceria com a UCS Conteúdo: Qualificar profissionais para atuarem na gestão e coorde nação de equipes

-

Todos os eventos ocorrerão na sede da CDL: Rua Marechal Deodoro, 139, 5º andar Edifício Zanoni. Inscrições e mais informações: cdltreinamento@cdlbento.com.br

(54) 3455-0566

Com o intuito de mudar vidas, o Senac disponibiliza uma série de cursos em várias áreas de atuação, sendo uma delas a Gastronomia. Nesta área, que abrange diversas especialidades, os alunos aperfeiçoam seus conhecimentos na cozinha. Para mostrar o que aprenderam em 300 horas de curso, os formandos do Curso de Confeitaria do Senac Bento apresentaram os pratos produzidos para a imprensa, familiares e amigos em banca realizada nesta semana. A diretora do Senac Bento, Rosângela Jardim, participou da atividade e disse estar muito feliz. “Esta é a ocasião que consagra o trabalho que os professores fazem junto com os alunos. É um prazer dividir com vocês este momento”, ressalta.

A turma, composta por Augusto Brum, Daniela dos Santos, Denise Rodrigues, Emanuel Lovison, Farah Pierre, Guilherme Machry, Manoela Deon, Maristela Amianti, Priscila Guindani, Rafael Tres e Willian Appolinario, foi dividida em quatro grupos e desafiada pelos professores Edivan Woisthoski e Lucindo Trucolo Júnior, a reinventar. “Nossa proposta foi a de que eles pudessem desenvolver suas habilidades de confeitaria e mostrar o que aprenderam durante o período em que estiveram conosco. Deveriam fazer a reinvenção de algum quitute, não copiar, colar ou replicar, mas sim reinventar a partir de um tema norteador”, salienta o professor Woisthoski. Os alunos falaram sobre o produto desen-

volvido, explicando os motivos que levaram a produzir determinada receita. “Cada um demonstrou o que sabia fazer. Gostaria de agradecer a oportunidade de repassar conhecimento e desejar sucesso nesta nova fase”, disse o professor Trucolo. Os alunos também aprenderam sobre custos e orçamentos, boas práticas e história da confeitaria. Quem participou fala sobre a importância da profissão para a sua vida. “Foi muito bom, aprendemos diversas técnicas. Meu sonho era fazer algo que eu pudesse reunir a família e amigos, comendo e provando o que eu produzisse. Adoro cozinhar para todos eles e recebo muitos elogios. Atualmente trabalho em uma pizzaria, montando doces”, explica a aluna Farah Pierre.

É MU

S I A ITO M

U E PN


GERAL 13

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Literatura em Pinto Bandeira

A Feira do Livro e da criatividade A atividade integra a semana de aniversário do município; O objetivo é proporcionar cultura e valorização a população Lorenzo Franchi geral4@jornalsemanario.com.br

U

m Dom Quixote diferente, sem dragão, mas ainda em cima do seu cavalo, fiel companheiro, fala sobre conquistas, uso do celular, amizades e o universo da literatura. A releitura de Miguel de Cervantes foi o atrativo da manhã de sexta-feira, 13, que abriu de forma oficial a Feira do Livro em Pinto Bandeira. O encontro literário é aberto ao público e ocorre no Salão Paroquial da igreja Nossa Senhora do Rosário de Pompeia. Os horários para visitação vão das 9h até às 22h. A atividade integra a Semana do Município que comemora ,neste ano, 22 anos de emancipação. De forma descontraída, os personagens, uma doce menina e o desbravador Dom Quixote provocavam nas crianças e adultos que acompanhavam a peça o pensar sobre a leitura.

Em um dos questionamentos, os atores sugeriram ao público a manter relações de amizades pessoais e deixar o celular de lado. “A tecnologia, por vezes, aproxima quem está longe e afasta quem está perto”, disseram os atores. O prefeito Hadair Ferrari se disse emocionado com a obra. Segundo ele, “ler sempre é bom, pois as pessoas adquirem conhecimento e ficam cada vez melhor. A criança tem que, primeiramente pelos pais, receber o incentivo, adquirir o gosto logo cedo pela leitura. Isso gera retornos, como um melhor cidadão, um bom profissional”, argumenta. A professora do 5º ano da Escola Estadual José Pansera, Analice Paese, comenta sobre as dificuldades em cativar os alunos que estão entrando na fase da pré-adolescência. Ela explica que “é um ambiente de transformação. Eles estão buscando novos conhecimentos,

um novo mundo, no qual querem se inserir, se identificar. Os livros para eles tem que ser pensado nisso, nessas escolhas, nas aventuras e transformação da vida”, observa. A educadora também acrescenta que “a instituição procura fomentar o hábito de leitura nos pais, pois a partir deles os filhos serão leitores e consumidores de arte e cultura”. Analice ainda conclui que estende seus cuidados em casa ao contar histórias, comprar livros para as filhas Ana Luiza, 9 anos, e Maria Antônia, 2 anos. O estudante do segundo ano da Escola José Pansera, Nicolas Pagno, 7 anos, comentava animado com o colega Miguel Marquetto, 6 anos, sobre a peça e a Feira. “Tu viu ele com a espada? Eu também quero uma”, disse ele sobre uma das alegorias do ator. O menino ainda complemento, “vou trazer meus pais. Vou comprar um montão de livros”.

FOTOS LORENZO FRANCHI

O horário de visitação da Feira do Livro vai das das 9h às 22h


14 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

II Ciclo de Encontros

Produtores e profissionais debatem a propriedade rural Ação tem por objetivo troca de informações sobre defesa do campo ANA PAULA FAGGION

E

ntre os dias 18 de abril e 30 maio produtores e profissionais se reúnem para debater a defesa da propriedade rural em sete encontros nos municípios: Bento Gonçalves, Garibaldi, Monte Belo do Sul, Pinto Bandeira, Santa Tereza e Carlos Barbosa. Com o tema “Defesa da Propriedade Rural – Legislação, Fiscalização e Segurança”, os encontros vão discutir o desenvolvimento socioeconômico do campo. “Reconhecer que o ambiente rural deve ser construído para o bem estar sustentável do produtor é o pilar do debate na segunda edição do ciclo”, afirma Elson Schneider, presidente do Sindicato Rural da Serra Gaúcha. O evento conta com a parceria Ibravin,

Elson Schneider, presidente do Sindicato Rural da Serra Gaúcha Governo do Estado, Sicredi, Farsul, Ace Fibras, Magnojet, Scaldo Som e Luz, prefeitu-

Programação

ras, além de IFRS, Emater-RS e Embrapa. Mais informações no telefone (54) 3702-2217.

Calendário

18h – Abertura - Presidente Sindicato Rural da Serra Gaúcha, Elson Schneider

18/04 - Salão da Linha Paulina, Faria Lemos - Bento Gonçalves

18h30- Qual a importância da rastreabilidade para os agricultores? Palestrante: pesquisador da Embrapa, Marcos Botton

26/04 - Comunidade de São José de Costa Real – Garibaldi

19h – Legislação para usos e ocupações de áreas rurais. Palestrante: arquiteta e urbanista,Vanja Hertcert 19h45 – Coffee Break 20h - Fiscalização da Propriedade Rural - Patrulha Ambiental (Patram). Palestrante: Sargento Paulo César Rodrigues dos Santos 20h45 – Segurança na Propriedade Rural – Palestrante: Tenente Coronel Assessor de Segurança da Farsul, Jerônimo Ferreira Barbosa

02/05 - Salão Paroquial - Monte Belo do Sul 09/05 - Salão Comunitário – Pinto Bandeira 16/05 - Salão da Comunidade Graciema Baixa – Santa Tereza 23/05 - Salão da Comunidade de Santo Antônio Castro – Carlos Barbosa 30/05 - 13h30- Auditório da Embrapa - Bento Gonçalves


GERAL 15

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

CDL-BG

Cursos e palestras na agenda da entidade Objetivo da Câmara de Dirigentes Lojistas é proporcionar o aperfeiçoamento profissional e crescimento nos negócios DIVULGAÇÃO

O

ferecer ferramentas que auxiliem os associados na busca por melhores resultados é um dos lemas seguidos pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves (CDL-BG). No mês de maio, a entidade amplia as programações que vêm desenvolvendo em 2018 em prol da qualificação dos seus associados. Além de uma palestra sobre franquias, serão realizados dois cursos voltados para a melhor profissionalização dos comerciários. O primeiro encontro está marcado para o dia 8, às 19h30min, quando o CEO do Franchisng Group, Arthur Burlamaque, ministrará a palestra “Como Transformar seu Negócio em uma Franquia de Sucesso”. Burlamaque apresentará particularidades sobre esse modelo de negócio, bem como oportuni-

Primeiro encontro está marcado para o dia 8 de maio, na sede

494

PRODUZIDO NA PRIMEIRA ECOFACTORY DA TOYOTA NO BRASIL.

Hatch X 1.3 flex mecânico 6 marchas

2019

36x

SR Challenge automática

1.255

36x

* +entrada + parcela residual; consulte condições

36

dades de franquias para a região. O local da palestra é na sede da CDL (rua Marechal Deodoro, 139, sala 501 – Galeria Zanoni). Já no dia 22, das 19h30min às 22h30min, terá início o Curso de Formação de Gestores para o Comércio, nova capacitação oferecida pela CDL em parceria com a UCS. Valendo-se da linguagem do dia a dia dos comerciantes e comerciários de nível gerencial, o objetivo é qualificar profissionais para atuarem na gestão e coordenação de equipes. O curso tem carga horária de 150 horas, divididas em 13 módulos com encontros nas terças e quintas-feiras, na sede da CDL, até o mês de novembro. Mais informações podem ser obtidas com a CDL, pelo telefone (54) 3455.0555, ou com a UCS, pelo telefone

(54) 3449.5203. A agenda segue nos dias 22, 23 e 24 de maio, quando começa mais uma edição do curso Atendimento ao Cliente, ministrado pela instrutora Roberta Oselame. O treinamento visa proporcionar aos participantes o desenvolvimento de competências para identificar aspectos que contribuem para a satisfação do cliente, promover uma reflexão crítica sobre o atendimento e planejar ações que garantam a satisfação e fidelização da clientela. As aulas ocorrem das 19h30min às 22h30min, no 5º andar do Ed. Galeria Zanoni (rua Marechal Deodoro, 139). Inscrições pelo e-mail cdltreinamento@cdlbento. com.br. Associados ao Sicredi têm desconto especial, conforme consulta.

Controle de Estabilidade eTração Assistente de partida em rampa

* +entrada + parcela residual: consulte condições

XEi 2.0 flex

automático

2019

856

36x

* +entrada + parcela residual: consulte condições

2.0 High

1.075

916

automática

36x

x

* +entrada + parcela residual; consulte condições

* +entrada + parcela residual; consulte condições

Ofertas válidas de 7 a 30/04/18, ou até o final do estoque: 8 Etios, 4 Corolla, 3 Hilux, 1 Prius, 2 RAV4. Toyota Etios Hatch X MT 18/19 à vista R$ 49.300,00 (metálico) ou financiado c/Banco Toyota no Ciclo Toyota nas seguintes condições: CDC (Crédito Direto ao Consumidor), pessoa física, c/entrada de R$ 27.115,00 (55%) e 36X fixas de R$ 493,51+1 prestação residual de R$ 14.790,00 (30%), c/vencimento na mesma data da última prestação fixa do financiamento. 1ª prestação fixa c/vencimento p/0 dias do fechamento do financiamento. Taxa de juros prefixada de 1,11% ao mês, equivalente 14,16% ao ano+IOF (Imposto s/Operações Financeiras) de R$ 746,51+Seguro Vida Prestamista de R$ 281,90+Registro de contrato base RS de R$ 206,67+Cesta de Serviços sugerida base RS de R$ 550,00+Tarifa de Confecção de Cadastro p/Início de Relacionamento de R$ 550,00, valor total financiado correspondente a R$ 24.520,08. Valor Total a prazo R$ 59.671,36 Custo Efetivo Total (CET), 19,11% ao ano. Toyota Corolla XEI 18/19; à vista R$ 107.140,00 (frete incluso, pintura metálica) ou financiado c/Banco Toyota no /Ciclo Toyota nas seguintes condições: CDC, pessoa física, entrada de R$ 64.282,00,00 (60%) e 36X fixas de R$ 856,06+1 prestação residual de R$ 28.927,80(27%) c/vencimento na mesma data da última prestação fixa do financiamento. 1ª prestação fixa c/vencimento p/30 dias do fechamento do financiamento. Taxa de juros pré-fixada de 0,99% ao mês, equivalente a 12,54% ao ano + IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) de R$ 1.414,53+Seguro Vida Prestamista de R$ 529,98+Registro de contrato base RS de R$ 206,67+Cesta de Serviços sugerida base RS de R$ 550,00+Tarifa de Confecção de Cadastro p/Início de Relacionamento de R$ 550,00. Total Financiado correspondente a R$ 46.109,18, valor Total a prazo de R$ 124.027,96. Custo Efetivo Total (CET) 15,80% ao ano. Toyota Hilux SR Challenge 18/18 AT à vista R$ 164.450,00 (pintura metálica) ou financiado c/Banco Toyota no Ciclo Toyota nas seguintes condições: CDC, pessoa física, c/entrada de R$ 98.670,00 (60,00%) e 36X fixas de R$ 1.254,89+1 prestação residual de R$ 49.335,00 (30%) c/vencimento na mesma data da última prestação fixa do financiamento. 1ª prestação fixa c/vencimento p/30 dias do fechamento do financiamento. Taxa de juros pré-fixada de 1,12% ao mês, equivalente a 14,29% ao ano + IOF (Imposto s/Operações Financeiras) de R$ 2.157,66+Seguro Vida Prestamista de R$ 805,04+Registro de contrato base RS de R$ 206,67+Cesta de Serviços sugerida base RS de R$ 550,00+Tarifa de Confecção de Cadastro p/Início de Relacionamento de R$ 550,00. Total Financiado correspondente a R$ 70.049,37, valor Total a prazo de R$ 193.181,04. Custo Efetivo Total (CET) de 16,98% ao ano. Toyota RAV 2.0 High 18/18 à vista R$ 139.990,00(frete incluso, pintura metálica) ou financiado c/Banco Toyota noCiclo Toyota nas seguintes condições: CDC, pessoa física, c/entrada de R$ 83.994,00 (60,00%) e 36Xs fixas de R$ 1.075,10+1 prestação residual de R$ 41.997,00 (30%) c/vencimento na mesma data da última prestação fixa do financiamento. 1ª prestação fixa c/vencimento p/30 dias do fechamento do financiamento. Taxa de juros pré-fixada de 1,12% ao mês, equivalente a 14,29% ao ano + IOF (Imposto s/Operações Financeiras) de R$ 1.842,44 +Seguro Vida Prestamista de R$ 687,63 + Registro de contrato base RS de R$ 206,67+Cesta de Serviços sugerida base RS de R$ 550,00 + Tarifa de Confecção de Cadastro p/nício de Relacionamento de R$ 550,00. Total Financiado correspondente a R$ 59.832,74 valor Total a prazo de R$ 164.694,60. Custo Efetivo Total (CET) 17,17% ao ano. Toyota PRIUS HYBRID A/T 18/18 à vista R$ 126.600,00 ou financiado c/Banco Toyota no Ciclo Toyota nas seguintes condições: CDC (Crédito Direto ao Consumidor), pessoa física, c/entrada de R$ 75.960,00 (60%) e 36X fixas de R$ 915,43+1 prestação residual de R$ 37.980,00 (30%) c/vencimento na mesma data da última prestação fixa do financiamento. 1ª prestação fixa c/encimento p/30 dias do fechamento do financiamento. Taxa de juros pré-fixada de 0,99% ao mês, equivalente a 12,54% ao ano + IOF (Imposto s/Operações Financeiras) de R$ 1.679,08 + Seguro Vida Prestamista de R$ 623,36 + Registro de contrato base RS de R$ 206,67+Cesta de Serviços sugerida base RS de R$ 550,00+Tarifa de Confecção de Cadastro p/nício de Relacionamento de R$ 550,00. Total Financiado correspondente a R$ 54.249,11. Valor Total a prazo de R$ 146.895,48. Custo Efetivo Total (CET) de 15,46% ao ano.Crédito sujeito à análise e aprovação. CET’s apresentados aplicáveis aos exemplos sugeridos. Campanha vinculada à validade do Programa Ciclo Toyota. Condições sujeitas à alteração sem prévio aviso. A alteração do modelo do veículo ou de qualquer das condições do financiamento acarretará novo cálculo do CET. SAC Banco Toyota 40901255 ou envie um e-mail para contato@bancotoyota.com.br . Ouvidoria Banco Toyota (somente após atendimento pelo SAC):0800 772-5877. O nome ”Seguro Vida Prestamista” é utilizado na oferta de seguros aos clientes Toyota, seguro que oferece as coberturas de morte, invalidez permanente total por acidente. O presente material possui informações resumidas, p/conhecimento completo das coberturas oferecidas e suas restr ições, recomendamos a leitura das Condições Gerais do Seguro disponibilizada no site www.bancotoyota.com.br ou fale c/um de nossos atendentes. Seguro garantido pela Segurado Cardif do Brasil Vida e Previdência S/A, CNPJ:03.564.261/0001-08, Processo Susep Nº 15414.001501/2005-31, Estipulantes: Banco Toyota do Brasil S.A. e Toyota Leasing do Brasil S.A. Arrendamento Mercantil – CNPJ: 03.215.790/0001-10.Corretor de Seguros:AON Affinity do Brasil Serviços e Corretora de Seguros LTDA. - CNPJ: 02.143.320/0001-26, Registro SUSEP Nº059726.1.033292-5. “O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação a sua comercialização. O Etios Hatch X 1.3 Manual, abastecido c/gasolina, faz 12,6km/l na cidade e 14,2km/l na estrada e, c/etanol, 8,6km/l na cidade e 9,8km/l na estrada. O Corolla 2.0 teve o seguinte consumo-etanol/ciclo urbano: 7,2 km/l; gasolina/ciclo urbano: 10,6 km/l; etanol/ciclo rodoviário:8,8 km/l; gas./ciclo rodoviário:12,6km/l. Valores de ref. medidos em laboratório, dependem das cond. de trânsito, comb. e hábitos do motorista. Veículo participante do PBEV-Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular-INMETRO 2016 Consulte: www.inmetro.com.br. A Toyota oferece 3 anos de garantia de fábrica, s/limite de km p/uso particular e, p/uso comercial, 3 anos/garantia de fábrica ou 100.000km, o que ocorrer primeiro. Consulte o livrete de garantia ou www.toyota.com.br p/+info rmações. As ofertas não abrangem veículos adquiridos em Vendas Diretas . c/isenção de impostos. Fotos ilustrativas.

erraSol

Agende sua revisão

54.2992.9310

http://www.facebook.com/TerrasolToyota www.terrasoltoyota.com.br

No trânsito, a vida vem primeiro.

Rubem Bento Alves, 680 CAXIAS DO SUL BR470, km 215 - BENTO GONÇALVES

54 2992.9300 54 3052.0707

ISO14001


16 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Direito Empresarial

Minha Casa, Minha Vida

A empresa pode proibir o uso de celular durante o horário de trabalho?

Bento tem unidades acima da média nacional Cidade contempla mais de 3,7 mil residências, espalhadas por 19 bairros REPRODUÇÃO

Lorenzo Franchi geral4@jornalsemanario.com.br

Alini

Pegoraro Vieira OAB/RS 57.144 - Fone: (54) 3451.6980 |alinipegoraro@terra.com.br

A

utilização inadequada do celular no ambiente de trabalho é um assunto que a cada dia ganha mais relevância, uma vez que o acesso às novas tecnologias (redes sociais, WhatsApp e similares) interfere na concentração necessária ao bom desempenho das tarefas para as quais o empregado foi admitido, comprometendo a sua produtividade. Além disso, tratando-se de atividades manuais, o uso constante do telefone resulta não apenas na interrupção dos serviços, mas também contribui para a ocorrência de acidentes, colocando em risco a integridade física dos trabalhadores. Ainda não existem leis que regulem a utilização do celular em horário de expediente, contudo, o direito de proibição está inserido no poder diretivo do empregador. Para tanto, é prudente incluir cláusulas restritivas nos contratos de trabalho e estabelecer, por meio de regulamento interno, quais são as regras para uso racional do aparelho, fixando horários pré-determinados ou limitados às pequenas pausas de descanso. Em atividades de risco, recomenda-se que a proibição conste nos procedimentos de segurança. Outra dica importante é manter uma comunicação constante sobre o assunto, para que os trabalhadores compreendam os motivos das restrições, orientando-os que, na hipótese de estarem passando por algum problema pessoal sério, a exemplo de uma emergência familiar, a empresa colocará um telefone fixo à disposição. Cabe ressaltar que quando a empresa admite um empregado, está contratando sua força de trabalho em troca do salário. Dessa forma, espera-se que o colaborador dedique-se com esmero ao labor e não se distraia em atividades alheias que possam prejudicar o resultado do serviço. Assim, ao perceber que a vedação não está sendo acatada, o empregador precisa adotar uma punição gradativa, ou seja, primeiro advertir que o procedimento é contrário às normas e solicitar que cesse a conduta irregular. Caso o funcionário persista, então poderá ser suspenso. Havendo reincidências frequentes e estando comprovado que a atitude causa prejuízos à empresa, é cabível até mesmo a aplicação de justa causa.

T

er uma casa digna para chamar de lar. Um espaço que conforte a família, seja recinto para boas recordações, recanto de histórias e amor. Este é o sentimento de quem busca realizar o sonho da casa própria. Se o orçamento aperta e as condições de mercado não se apresentam favoráveis, ainda assim, há alternativas. Para isto, que o Governo Federal em parceria com a Caixa Econômica criou o Programa Minha Casa, Minha Vida. Em Bento Gonçalves, a iniciativa reside desde 2011 e já resultou em 3.732 unidades, em 19 bairros da cidade. A expectativa agora se dá pela entrega do conjunto habitacional Recanto Aurora, no bairro Municipal, que deve ocorrer neste ano. Conforme levantamento do Censo 2017 da Associação das Empresas de Construção Civil da Região dos Vinhedos (Ascon), relativos ao programa governamental, nos últimos cinco anos foram entregues em Bento 2.784 unidades do programa. Segundo o documento, a perspectiva é que a cidade receba mais 227 novas moradias em 2018. O estudo da Ascon também detalha os locais que mais recebem atenção do Programa. Os bairros que apresentam maiores índices de atendimentos são o Borgo com 335, São Vendelino com 321 e São Roque com 310. Quanto às entregas para este ano, sete localidades serão agraciadas: Municipal, São Roque, Humaitá, Santa Rita, Borgo, Maria Goretti e Vila Nova. Os índices de entregas na capital do vinho podem ser traduzidos pelo investimento. Com base em dados disponíveis pelo Programa Minha Casa, Minha Vida, no portal de transparência, tendo como base estudos de 2010 e 2014, no município o governo aplica por habitante R$ R$ 3.176,46, enquanto a média nacional é de R$ 1.204,53. Estes recursos refletem nas construções. Em Bento Gonçalves, a média de habitações

Segundo a Ascon, 227 unidades devem ser entregues em 2018 entregues é dois mil a mais do que a registrada em todo o país, 1.023 contra 3.322 - média feita tendo como base 100 mil habitantes. Outro apontamento disponível no portal se detém a futuros investimentos do Programa. As previsões são positivas e mostram que 1.016 unidades devem ser instaladas no município. Por depender de repasses e haver uma rotatividade de regiões, a Caixa Econômica Federal não assegura datas para que esses projetos saiam do papel.

Benefício em Bento O programa se divide em faixas, que variam conforme a renda per capta de cada família. Atualmente, o financiamento dos imóveis em Bento funcionam de acordo com o Faixa 1 do Minha Casa Minha Vida, disponibilizado pela Caixa Econômica Federal (CEF), no qual 420 famílias já foram atendidas. Esta modalidade atende famílias com renda mensal de até de até R$1.800 mil. Mas, de acordo com a secretária de Habitação e Assistência Social Milena Bassani, “o município está buscando parcerias e estamos com projetos para atender a faixa 1,5”modalidade que atende famílias com renda mensal de até R$ 2,35 mil. Conforme Milena, além das pessoas já contempladas o município projeta que 60 famílias serão agraciadas neste ano, no Faixa 1. A secretária ainda informa que o município mantem ativo um cadastro com futuros

interessados. Ela explica que “o Departamento de Habitação possui uma lista de espera para realizar apenas a indicação das famílias que possuem interesse em adquirir uma unidade habitacional no Residencial Novo Futuro, hoje existem 60 famílias cadastradas e outras seis famílias foram beneficiadas entre os anos de 2017 e 2018”. Milena ainda reforça, “as famílias são chamadas conforme a Caixa Econômica Federal coloca a disposição as unidades habitacionais”. Quanto as fiscalizações das residências, Milena ressalta que a prefeitura realiza ações para certificar a posse do beneficiário, não quanto à estrutura. “a Prefeitura realiza apenas vistorias para constatação de situação de ocupação, se está com o beneficiário ou por terceiros, quando solicitadas pela Caixa Econômica Federal”, destaca. Sobre a qualidade das edificações e orientações do programa em Bento, a Ascon busca auxilia a população através de palestras, cursos, seminários e visitas técnicas sobre o cumprimento das normas e a qualidade das obras. Segundo a Associação todos os empreendimentos financiados pelo Programa Minha Casa Minha Vida, devem possuir monitoramento mensal com relatórios, realizado por engenheiro consultor especializado, com ensaios em laboratório dos materiais utilizados, além de acompanhamento técnico pela Caixa, e a empresa deve possuir certificação no PBQP-H nível “A”.


Bento Gonçalves Sábado | 14 de abril de 2018

Terapia de Sinal Pulsado no Tratamento das Patologias Ortopédicas Método é utilizado há mais de duas décadas na Europa e Estados Unidos como aliado no tratamento das doenças degenerativas e traumáticas ortopédicas Página 3

Divulgação

54 3452.5458 | 3052.0275


Sábado, 14 de abril de 2018

2

5 perguntas sobre a incontinência urinária Dr. Thiago Cusin Clínica Renallis Urologia e Andrologia (54) 3454.5456

O que é a incontinência urinária e qual sua importância? A incontinência urinária é a perda involuntária de urina. É um problema muito frequente, que pode acometer homens e mulheres de todas as idades e apresentar variadas causas. Além da questão médica, a incontinência urinária pode comprometer a qualidade de vida e a autoestima das pessoas. Quem pode ter incontinência urinária e quais são os fatores de risco? De maneira geral, a incontinência urinária é duas vezes mais comum entre as mulheres do que entre os homens. Cerca de 30-40% das mulheres com mais de 40 anos apresentam algum grau de incontinência urinária. A idade é um fator de risco importante, estimando-se que a chance de apresentar incontinência urinária após os 70 anos seja de quatro a cinco vezes maior do que na faixa etária de 20 a 40 anos. Entretanto, a incontinência urinária não deve ser encarada como normal em nenhuma faixa etária, podendo ser tratada adequadamente na grande maioria dos pacientes. “ (…) Existem situações, entretanto, nas quais a incontinência urinária é uma manifestação de problemas mais graves, que podem ser seguidos por infecções urinárias e até mesmo perda da função dos rins. Nestes casos, o tratamento é mandatório” Além da idade, outros fatores que aumentam o risco de apresentar incontinência urinária são: o diabetes, a obesidade e a presença de doenças neurológicas. Nas mulheres, a falta de estrógeno parece também ter alguma importância. Crianças também podem ter incontinência urinária. O controle completo da bexiga geralmente se estabelece até os 5 anos. Até esta idade, muitas crianças ainda apresentam perdas urinárias durante o sono, o que chamamos de enurese. Pode ser causa de muita ansiedade e frustração para a criança e para os pais. Este é um problema quase sempre transitório e de fácil tratamento. Algumas crianças podem ter incontinência

urinária durante o dia e infecções urinárias. Nestes casos é necessária maior atenção e identificação da causa do problema. Existem diferentes tipos principais de incontinência urinária? Os principais tipos de incontinência urinária são a incontinência urinária aos esforços e a incontinência urinária de urgência. A incontinência urinária aos esforços (IUE) é a queixa de perda urinária ao fazer esforços, como tossir, espirrar ou carregar pesos. É causada pelo enfraquecimento do esfíncter urinário e dos elementos de sustentação da uretra e da bexiga. Fatores que possam enfraquecer estas estruturas tais como a multiparidade (mulheres) ou cirurgias ginecológicas podem aumentar o risco. Em mulheres, a IUE corresponde a cerca de 40 a 70% dos casos de IU. Em homens, a IUE é rara e tem como principal causa as cirurgias prostáticas. A incontinência urinária de urgência é a queixa de perda de urina acompanhada ou precedida pela sensação de urgência para urinar. A pessoa sente uma vontade repentina e incontrolável de urinar e não consegue chegar a tempo ao banheiro. Geralmente a pessoa urina com grande frequência durante o dia e mesmo durante a noite, o que pode comprometer o sono. Também recebe o nome de bexiga hiperativa. Na maior parte das vezes, não há uma causa aparente. Doenças neurológicas aumentam o risco deste tipo de problema, incluindo lesão medular, esclerose múltipla, acidente vascular cerebral, Parkinson e outras. Homens com hiperplasia benigna da próstata (HBP) também podem apresentar este problema. A avaliação deve sempre afastar a existência de outros problemas na bexiga, tais como infecção urinária, pedra ou tumores. A prevalência da bexiga hiperativa

Divulgação

é bastante alta na população geral, atingindo cerca de 5% dos homens e mulheres com menos de 40 anos e até 35% da população acima de 70 anos. Como é feita a avaliação da pessoa que tem incontinência urinária? A avaliação inicial se baseia na história clínica, para caracterizar os sintomas e o tipo de incontinência. O exame físico e alguns poucos exames laboratoriais são importantes para confirmar o diagnóstico e excluir problemas de maior gravidade que requeiram exames específicos. É fundamental avaliar o impacto da incontinência urinária na qualidade de vida e o desejo do paciente ser tratado. Quais são os tratamentos para a incontinência urinária? As alternativas de tratamento são várias e baseiam-se na causa da incontinência urinária e na gravidade do problema, levando-se sempre em consideração a preferência do paciente. Geralmente são favorecidas as medidas mais simples e com menos chances de efeitos colaterais. Incluem mudanças comportamentais e de estilo de vida como evitar excesso de líquidos, realizar micções periódicas, tratar obstipação e outros problemas clínicos como diabetes e obesidade. Também pode incluir a fisioterapia para o assoalho pélvico e bexiga. Existem também medicamentos com ótima eficácia, notadamente para casos de incontinência de urgência e homens com problemas prostáticos. Em casos mais complexos ou que não tiveram boa resposta ao tratamento conservador, vários tipos de procedimentos cirúrgicos podem ser oferecidos, geralmente através de cirurgias minimamente invasivas, isto é, de baixo risco e rápida recuperação. Destacam-se os tratamentos atuais da incontinência urinária em mulheres através da colocação de fina faixa sob a uretra (chamada cirurgia de sling), a aplicação da toxina botulínica na bexiga para casos de incontinência de urgência e o implante de um marca-passo da bexiga (neuromodulador). Nos homens com incontinência urinária de esforço (na maioria das vezes após cirurgia de próstata), as cirurgias de sling ou implante de esfíncter artificial podem ser ótimas opções.


Caderno Bento Gonçalves Sábado |14 de abril de 2018

Bruna Tartaro Cenci

A alma é o segredo do negócio

Desafio, resiliência e persistência são as três palavras que definem Bruna Tártaro Cenci. Filha de Roque Cenci e Justina Ines Tartaro, ela tem na imagem dos pais seu exemplo de vida, Além disso, acredita que a família é o significado de educação. Natural de Bento Gonçalves, Bruna é casada e conta que esta união perdura há 15 anos. “Nos conhecemos bem jovens, e hoje temos uma relação baseada no amor, respeito, admiração e cumplicidade”, explica. Gosta de andar a cavalo, pois a sintonia com a natureza lhe traz energia e paz. “A felicidade está na caminhada, e não no final do caminho. Está nas pequenas conquistas que nos torna melhores. Está nos momentos, nas pessoas que fazem parte das nossas vidas e que caminham conosco”, afirma. Bruna é pós-graduada em Gestão Comercial, e atua como gestora comercial na Cenci e Cia LTDA. Para ela, a profissão é uma de suas realizações. “Se pudesse voltar atrás, escolheria a mesma carreira. Desde criança vendia pequenas coisas decorativas para minhas colegas no colégio. Vender continuamente esteve no meu sangue, ou seja, algo que sempre me motivou e faço com muito entusiasmo”, garante. Uma mulher de um sorriso encantador, ao mesmo tempo que mostra força e determinação. Na correria do dia a dia, Bruna tenta manter uma vida saudável. “Desde sempre relembro meu pai me incentivando a manter uma alimentação saudável e, por isso, possuo esse hábito até hoje. Inclusive, sempre tentando incentivar familiares e amigos a seguir o mesmo caminho”, conta. Falando sobre viagens, Bruna deixa uma dica. “Em cada viagem podemos descobrir culturas diferentes e isto é fascinante, até mesmo porque como gosto muito de história, me envolvo contemplando centros históricos, museus, sítios arqueológicos, festas típicas e muito mais que cada lugar tenha a nos oferecer”, indica. Texto e foto: Caroline Pandolfo


2

Programe-se

Sábado, 14 de abril de 2018

Aniversários

Dia 15/4 Adriana Gelatti, Agostinho Bettiol, Alberto

Fracalossi, Alcides Irineu Carini, Amanda Siqueira, Analice Carraro De Araujo, André De Mari, Ângelo Olavo Franco, Anna Fitarelli, Armando Fronzza, Avelino Dal Ponte, Balduino Marini, Beatriz Ferreira, Celso Pinto, Deonildo Baldo, Eliana Longo Manara, Euclides Da Silva, Fortunato J. Rizzardo, Gema Cavalette, Gilda Carraro, Ilário Alberton, Jonatan Fin, José Sandrin, Larissa Pistoia, Laura Borsatto, Leandro Guaragni, Lerio Gentilini, Lério Gentilini, Lidiane Longhi, Lisiane Portaluppi, Maitê Pegoraro, Mara Caleff, Marialina Figueiredo, Marnon Deivid De Lima, Milton Luiz Perin, Nevio Casonatto, Rafael Piazza, Renato Antônio Ariotto, Salete Grassi, Sandro Luis Bonassina, Santo Dorvalino De Toni, Sergio Balestrin, Silvia Remis Zandoná, Suzana Postal, Terezinha S. B. Kruger, Vicente Guerra, Vinicius Girotto, Volmir Artioli, Wesley Alves, Wilian De Oliveira Henrique.

Dia 16/4 Amilton L. Primor, Azir Antônio Seben, Caroline De Braum, Daiana Campagnaro, Delvino Manara, Edson Gava, Everson Zanon, Giovani Costa, Henri Luiz Villa, Iracema T. Testa, Irmindo João Goin, Ivone Weirich, Janir Roman, Jose Dos Santos, Karine Silva, Lourdes Trentin, Luiz Poletto, Márcio Festa, Mariluza Fitarelli, Marlon Guhlke, Marno Golhke, Matheus Baldo, Morgana Sbrissa, Neiva Sain, Neli L. Cosme, Olivio Zeni, Renato Stefenon, Romildo De Oliveira, Sandra Cogo, Santin, Pastorello, Zenaide Z. Muller.

Dia 17/4 Adão Luiz Malavolta, Ademir Francisco Strapazzon, Adilson Perozzo, Adriane Masutti, Albino Tasca, Ana Paula Faccin, Arduino Lazzari, Claudete Jussara De Paula Pegoraro, Claudia De Conto, Dagoberto Lima Godoy, Darci J. Bortolini, Darci Leopoldo Steffes, Deise Pelicioli, Dilson Brandalise, Dionisio Bonamigo, Eloá Moura Riseow, Elsa De Cesaro, Estevan Benincá, Gilberto Pastorello, Gilvana Fin Zortea, Gustavo Casagrande, Ildo Somensi, Inês I. Zechin, Iraci Fitarelli, Irane Jornada, Irene Vinoski, Ires Batistello, Ivonete Manara, Jaime Casagrande, Joaquim Carvalho Faria, Joel M. Caldatto, José Celant, Jose René Vargas, Juliana B. Selli, Leonardo Menin, Leonira San-

tini, Lorena Ongarato, Lucimar Favaretto, Luiz A. Baggio Machado, Marcio Antonio Menegotto, Marcus Vinícius Pierucci, Margarete Gatto, Maria De Lourdes Oliveira, Mariberto Franzolozo, Marli Dos Santos, Onildes Mainardi, Rafael Somensi, Ricardo Pereira, Rogério Martins Dos Santos, Rogério Martins Dos Santos, Sabrina Da Cruz, Sandra Salvalaggio, Santo Boroto, Victoriano Antunes, Zulma Milani Toneser.

Cuinhas dos Santos e Lucas Mikaoski; Antony, filho de Érica Almeida Nunes e Maurício Ritter.

07.04 - Maria Luiza, filha de Luana Borges Trivilin e Everton Thiago Ribeiro

08.04 - Nicoly, filha de Jane Bernardete Zarpelon e Carlos Alberto Zarpelon

Dia Mundial do Café

Eventos Rock Style Festival Local: Di Paolo Horário: 14h às 18h Informações: (54) 3453.1099

Dia 11/4 Adélia Longhi, Ademir Ferlito, Azir Carraro,

Ana Maria Mazzochin, Benôni Geremia, Brenda Marchioretto, Caian Sassi Moreira, Carlos Amadeu Saraiva, Cátia Da Silva, Charles Bagiston, Daiana Campagnaro, Danilo Dal Ponte, Diego Boaro, Eduardo Donida, Elenice Nicolini De Toni, Euzimar Nobre, Everson Zanon, Florência Galante, Gerson Conci, Gomercindo Inácio Cantelli, Iracema T. Testa, Jackiel Mezzaroba, Jonatas Dos Santos, Jorge J. Moreira, José Cimadon, Juliane Gallon Pinto, Leandro De Bacco, Lidiane Viana, Lírio Kaczala, Lucas Fleck, Maria Bernardete Gamba, Mariane Jacob Acosta, Marinês Larentis, Marlei Mezaroba, Matheus Baldo, Meriluza Fitarelli, Mirian Monte Mezzo, Neiva Sain, Neli L. Cosme, Nilson Bortolon, Olivio Zeni, Patrick Frighetto, Rafael Cristofoli Putton, Roali Majola, Romildo De Oliveira, Rosalino Conci, Roseli Martins, Sandra Tartaro, Vivane Baggio, Zenaide Z. Muller.

Ilustra’s Stock De 13 a 15 de abril Local: Fundação Casa das Artes Realização: Secretaria da Cultura e Fundação Casa das Artes | Parceria: Shopping L’América, Ftec Faculdades, Dom Quixote Livraria & Cafeteria, Micael Biasin Escola de Arte e Diogo Carlet Carini

Dia 12/4 Ademir Stefenon, Adyr Possamai, Alciro Parisotto, Angelo Centenaro, Arduino Brun, Arlete Cousandier Santarosa, Armando Dendena, Constantino Branchi, Deolindo Bruschi, Domingos Caron, Domingos Panizzi, Edinei C. Lenhares De Andrade, Evaldo José Pellicioli, Fausto Guindani, Fernando Villa, Franciele Grassi, Franciele Pertile, Francisco Rizzardo, Gicelda Roa Appio, Gustavo Minuscoli, Ilivio Morello, Ineldes Osmarin, Ivete Lucia Lorenzini, Jalir A. Salton, Joaquim Borba Correa, José Andreolla, Josenilda F. S. Balotin, Jussara Tognon, Lorena Faria, Lourenço Pegoraro, Luciano Corte, Luís Anderle, Mairi P. Zandonai, Márcio Casagrande, Milton Gentilini, Olga Casanova, Roberta Possamai, Robson Copat, Roseli M. Tessaro, Rosilei Dalpozzo, Santo Eduardo Bortolini, Stella Da Silva Dreher, Tatiana Clos Ambrosini, Vanessa Dal Piva, Victor Luis Scalon, Vital João Irês.

Brique Colonial O brique ocorre mensalmente, sempre no segundo sábado de cada mês Local: Via del Vino - 8h às 17h Realização: Secretaria de Turismo | Apoio: secretarias de Agricultura e de Desenvolvimento Econômico Brique da Praça Local: Praça Vico Barbieri Horário: a partir das 8h Informações: (54) 3453.7193 | briquedapracabg@hotmail.com /pequenograndecampeao@hotmail.com

Dia 13/4 Alaerte Somacal, Alaídes Perin, Ana Menoncin, André Tregnago, Andrei Rinaldi, Aneli Festa, Angélica Da Rosa, Antonio Carlos Carli, Bernardete Bertolini, Brigida Pedroso, Carlos Gomes, Carlos Roberto Costa, Carmem Morini, Clovis Rosseto, Cristiane Trevisan, Cristiano Bortolini, Denise Pastore, Eliege Buffon, Eliomar Sinigaglia, Eranaides Balassari, Evaristo Pizzi, Fábio Nicola, Fernando Pozza, Flávio Do Nascimento, Fernades Da Silva, Franciele Gava, Francisco De Carvalho, Gilberto Comin, Gilberto José Tormen, Idolina Pozza Casonatto, Ilário Zen, Ilvo Santo Dal Ponte, Inês Possamai, Ivalino Invernize, Joceli Marcolin, Joselito Rodrigues, Jurita Titon, Karina Petroli, Leda Baldissera, Loren Hofsetz, Luana Reck, Luis Pereira Fagundes, Maikon Arsego, Maria Da Rosa Rech, Milton José Casarin, Milton Paulo W. Ferreira, Milton Tonus, Odilon Rodrigues, Orlando Bussolotto, Roberto Rubbo, Rogério Gobatto, Salete Larentis, Salete Larentis, Valdir Todeschini, Vilson Paese, Vinícius Luiz Gamba, Vitor Poletto, Volmir Comparin.

Nascimentos 06.04 - Manoel, filho de Flávia T

Datas Especiais hoje

Luis Faé, Ana Marcon, Anderson A. Giuriatti, Antônio Manoel Querino, Bruna Salvatti, Carlos Biasus, Caroline De Oliveira Neto, Caroline Ranzi, Chaiane Guhlke, Cirene Felipetto, Diamantino Dos Santos, Elton Rinaldi, Fabiana Giacomelli, Fernanda Dornelles, Francisco Stefani, Gilmar Brino, Giovani Corte, Graziela De Oliveira, Inês Ferrari Guisso, Laura Faggion, Leonildo Venturini, Lodovico Angelo Durante, Loreno Alessi, Luiz A. Cainelli, Lurdes Meassi Tasca, Manoel Da Silva, Marcelo Periolo, Marcia Fiorentini, Márcio Marini, Marco Aurélio Balbinot, Margarete Lovat, Maria De Fatima Carvalho, Maria De Fátima Martins, Mariana Dalcin, Marilene Mariuza Ziero, Melissa Marcolin, Monalisa Lins N. Marquêz, Naides Althaus Rogiston, Natalia Bortolini, Olivio De Rossi, Otília Maria Tofoli, Paula De Luca, Paulo Ricardo Guizzo, Priscila De Toni, Renato Mella, Roberto De Toni, Roberto Poletto, Sérgio D‘Ávila Montanha, Taciane Pegoraro Rodrigues, Taís Da Silva, Tânia Benedetti, Tatiane Pegoraro Rodrigues, Ulisses Provensi, Valcir Buratti, Victoria Leticia G. Panizzi, Vilson Seben Reginini, Volmir Carraro.

Agenda

09.04 - David, filho de Judelande Simon e Bresilien Dorcelus; Eloá, filha de Taís Cassinelli e Mauro Luis Haboski

10.04 - Vitchenzo, filho de Cristina

Grando Cimadon e Rudimar Cimadon; Lavínia, filha de Sheila Tecchio e Tony Morais; Matheus, filho de Luciane De Mari e Edson Felix; Luiza, filha de Michele Vaccari e Álvaro Mesquita Neto

11.04 - Letícia, filha de Jennifer Tusset e Marcelo Galves Santana;

12.04 - Thalita, filha de Glauciane Perolli Andrade e Willian Gustavo Borges de Oliveira; Arthur, filho de Margarete Alves da Silva e Lauro Vanni; Alice, filho de Claúdia Suzana Soriano Rodrigues e Eder Cunha Nunes.

Datas Especiais amanhã

Dia 14/4 Agenor Grassi, Agostinho Contini, Airton

Caderno

Dia Mundial do Desenhista Dia Nacional da Conservação do Solo Dia do Desarmamento Infantil

Missas

Paróquia Santo Antônio: 7h, 8h30min, 10h e 18h Paróquia Cristo Rei: 8h e 18h Santuário de Caravaggio: 6h30min, 8h, 10h, 11h, 14h, 15h, 16h e 17h

Eventos Chá das Zeladoras da 140ª Festa de Santo Antônio Local: Salão Paroquial Santo Antônio Horário: a partir das 15h Informações: (54) 3452.1634 Festa em Honra a Cristo Rei Local: Salão Paroquial da Comunidade Horário: a partir das 10h30min, missa seguida de almoço Informações: (54) 3452.1634

Divulgue seu evento: social@jornalsemanario.com.br Fone: (54) 3455.4500


Caderno

Social

Sábado, 14 de abril de 2018

3

Detalhes Caroline Pandolfo

Colunista Social social@jornalsemanario.com.br

Ranieri Moriggi

Descobrindo-se O Window Centro de Idiomas parabeniza mais um grupo de alunos aprovados nos Exames Internacionais de Cambridge realizados em dezembro 2017: Eduardo Guimarães Bussolotto (FCE), Geórgia Manfrói (FCE), Pedro Severa Martini (YLE Flyers) e João Pedro Vanni (FCE)

Recebendo o carinho dos amigos e das diretorias do CIC BG e da Expobento, Leocir Glowacki, diretor geral da feira comemorou a passagem de seu aniversário ontem

Eu descobri que somos nós que cultivamos a esperança. Descobri que somos nós que damos o impulso positivo para coisas boas acontecerem. Descobri que os desafios não são ruins, ao contrário, são impulsos necessários para sairmos da zona de conforto e seguir em busca de nossas metas com mais garra. Foram os desafios e também posso dizer, as dificuldades que me fizeram buscar o autoconhecimento. Leituras, livros, estudos, que vem a cada dia me dando forças... E aí descobri que havia criado espaço para ter esperança. Esperança no mundo, nos outros e em mim mesma. Percebi que a gente precisa aprender a ser feliz, na vida, com aquilo que nos cabe. Nem tudo do mundo é nosso por direito. Nem todas as conquistas materiais, intelectuais ou físicas estão ao nosso alcance. E isso não é ruim. É preciso humildade - palavra que carrego todos os dias comigo - para não ficar o tempo todo ambicionando as coisas. Até porque não são as coisas que nos fazem felizes. Óbvio que todos querem uma condição melhor, aquele restaurante bacana e viagens... ah viagens! Mas isso vamos conquistando, quando nos damos a oportunidade de desapegar, olhar para si e entender quem somos e onde queremos chegar.

Emerson Ribeiro Divulgação

Sommelier Neste final de semana, vou acompanhar mais um módulo do curso de Sommelier, promovido pela ABS-RS. As aulas serão na Vinícola Salton e eu estou ansiosa. Depois divido com vocês a experiência!

O tradicional Festival do Quentão realizado na Sociedade 15 da Graciema, já tem data confirmada, dia 23 de junho. No registro a nova diretoria: presidente Gabriel Zottis; vice-presidente, Volnei Frizzo, além de Antônio Sartoridffa, Dirceu Mariani, Pedro Dalacorte, Cláudio Dalacorte e Evandro Ficanha

Além de todo aprendizando, o curso nos proporciona uma viagem turística, pois cada módulo contempla uma vinícola, onde temos a oportunidade de participar de algumas ações oferecidas pela mesma. Cada uma conta um pouco da sua história, apresenta seus produtos e por aí vai...


Social

Sábado, 14 de abril de 2018

Caderno

Divulgação

Fotos Caroline Pandolfo

4

Lenir Garcia, Anair Dalloglio, Vera Araújo, Ana Gobatto e Ana Maria da Rocha durante a festividade que marcou os 15 anos da AAPLASG, na Casa do Artesão

Eunice Antoniolli Baldisserotto, de Pinto Bandeira, na foto com a presidente da Liga Maria Lúcia Severa (D) e a vice-presidente Ladi Donadel (E), celebrou seus 90 anos em uma linda festa junto a amigos e familiares. A aniversariante solicitou como presente a seus convidados uma doação a Liga de Combate ao Câncer de Bento Gonçalves. Todo valor será destinado para atendimento aos assistidos da Liga Cleunice Pellenz

Almoço com Pets Um momento voltado especialmente para seu pet. O Café com arte realiza a segunda edição do “Almoço com Pets”. A programação está super legal! A ONG Todos por um Focinho estará arrecadando ração e cobertinhas. Os 10 primeiros que chegarem no Bistrô ganham uma cortesia do Master Chef Pet: bifinhos naturais e saudáveis. A Amici Pet Spa e Cuidados Veterinários, estará oferecendo cupons de desconto para os produtos e medicamentos da loja. E ainda mais. Seu pet faz algum truque especial? Mostre toda a destreza do seu dog e ganhe uma cortesia especial do Bistrô. Também terá premiação. O evento é nesse sábado, a partir das 11h30min.

/senacbento

@senacrs @senac_rs #mudandoavida

Grandes safras do Vale dos Vinhedos A qualidade da uva colhida durante a Vindima 2018 no Vale dos Vinhedos se equipara a 2005 e 2012. Depois de um 2016 de grandes perdas, onde a colheita foi consideravelmente menor em quilos do que a média esperada, de um 2017 onde a quantidade de uvas atingiu expectativas, porém a qualidade manteve a média, chegou à vez de 2018 surpreender: uma colheita menor em quantidade, mas com destaque pela qualidade das uvas. A Vindima 2018 trouxe a certeza sobre

a qualidade dos cachos e a possibilidade de elaboração de grandes vinhos. A tendência é que os rótulos tradicionalmente elaborados venham com qualidade ainda mais elevada e que os vinhos lançados apenas em safras especiais sejam reeditados em 2018. Os primeiros a chegarem ao mercado serão os brancos e espumantes, no segundo semestre do ano. Os tintos levam um tempo maior de maturação e levam mais tempo para serem lançados, mas a espera valerá a pena.

O Senac-RS reserva-se o direito de alterar datas, horários ou cancelar as turmas sem aviso prévio. Consulte disponibilidade de vagas.

Venha para o Senac Bento e mude de vida.

Maria e Abrelino Momoli em evento festivo em Bento Gonçalves

MASSAGISTA - 360h Turno: noite | Início: abril senacrs.com.br/bento Senac Bento Gonçalves

Rua Saldanha Marinho, 820 Fones: (54) 3452.4200 | (54) 3451.2003

Senac. Educação profissional mudando vidas.

Rodrigo de Morais e Naira Silveira, Jussara Camargo e Lucimara Boldrini prestigiaram evento que comemorou os 15 anos da AAPLASG


O reconhecimento de trajetórias consagradas Uma noite glamurosa para a sociedade bento-gonçalvense. O Prêmio Mérito Lojista concedido pela CDL, destacou verdadeiros empreendedores. Empresários que além de gerir e guiar um negócio, também souberam liderar, orientar e buscar oportunidades para o crescimento de cada um que integra a sua equipe. Atitude, dedicação e persistência, foi o que consagrou a premiação. O cenário acompanhou toda a sofisticação do evento, com uma decoração sóbria e belíssima, garantindo a sucesso da cerimônia.

Bento Gonçalves Sábado | 14 de abril de 2018


6

Especial

Sábado, 14 de abril de 2018

Caderno

Tributo à coragem de ser e de fazer Fabiano Mazzotti, divulgação

As reuniões festivas do CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) não são tão festivas assim. Nelas, nota-se surpreendentes revelações da maneira de se posicionar e dirigir da entidade liderada por Marcos Carbone. E, a cada encontro, a revelação de jovens líderes do comércio, vendendo a ideia de ser e de fazer com determinação e plena responsabilidade. A constatação nos leva a acreditar na forte renovação de que necessitamos, embora a tímida projeção dos jovens atuantes na área industrial. Seria salutar ver esses jovens, muitos exaltados com reconhecimento, ser presença inclusive em todas as reuniões do Centro da Indústria, Comércio e Serviços, com suas ideias e posturas, o que fortaleceria, inclusive, a ideia do associativismo em prol do nosso desenvolvimento comercial e industrial, considere-se aqui também a área de prestação de serviços. O exemplo do que afirmamos está no pronunciamento de Marcos Carbone, nas solenidades de outorga do Mérito Lojista 2017, do seguinte teor: “Por diversas vezes na noite de hoje fomos convidados a refletir sobre o ano de 2017. Tenho certeza que cada um de vocês relembrou os incontáveis momentos de dificuldade. O cenário de recessão econômica no país. As incertezas. Os episódios de falta de segurança. Mas também tenho certeza que todos vocês finalizaram essa reflexão tomados pelo orgulho de ter enfrentado e vencido tantos obstáculos. Todos nós somos vencedores. Nós mantivemos as portas de nossos negócios abertas, atendendo nossos clientes com carinho, dedicação e

estamos cumprindo nosso papel. Temos uma série de serviços e ferramentas à disposição dos associados – como os dados da inadimplência, o banco de dados do SPC e tantos outros programas que ajudam o lojista a vencer as adversidades do dia a dia.

Marcos Carbone, Presidente da CDL, postura e visão de futuro, espírito associativo com sua diretoria, sem medo de ser feliz

O legado de realizações é o melhor cartão de visitas da CDL de Bento Gonçalves.

excelência. Nós superamos a crise e conseguimos extrair bons resultados de um ano que colocou a prova todo o talento empreendedor de nosso setor.

é a grande motivação para que nossa diretoria busque fazer um trabalho melhor a cada dia. A responsabilidade que temos de representar bem o associado é o que nos move para edificar uma Prova disso é cada um gestão atuante, que traga dos cases inscritos nesta oportunidades, benefícios e edição do Mérito Lojista conquistas para o associado. 2017. Todos vocês que leram as histórias e votaram Prova disso são as na escolha dos agraciados crescentes iniciativas tiveram a oportunidade de assinadas pela entidade. conhecer casos inspiradores, Temos fortalecido promoções merecedores do nosso tradicionais como o próprio reconhecimento. Mérito Lojista, a Campanha Bento Natal Premiado, o A CDL tem orgulho de Armazém das Pontas, que representar cada associado que em 2018 chega a sua décima dá força à entidade. Cada um edição. Mas também temos dos 500 nomes de empresas criado novas oportunidades associadas em nosso quadro de negócio e aproximação

com a comunidade, como foi o caso do evento Black Friday e da primeira edição da Noite Iluminada, um verdadeiro sucesso que surpreendeu Bento Gonçalves. Com grande frequência temos cursos de qualificação oferecidos na sede da CDL. Estamos sempre inovando em busca de parcerias e alianças, como fizemos com o SENAC e como anunciamos na noite de hoje, com a Universidade de Caxias do Sul. Oficializamos a Escola de Negócios CDL-UCS e o lançamento do Programa de Formação de Gestores para o Comércio como primeira ação. A entidade está investindo e dando retorno ao associado,

O legado de realizações é o melhor cartão de visitas da CDL de Bento Gonçalves. Temos orgulho em dizer para nosso associado que a CDL é uma entidade atuante. Uma entidade política, engajada, mas alheia a qualquer interesse partidário. Nosso único compromisso é com a transparência da gestão e com a missão de representar bem os interesses do comércio de Bento Gonçalves. Por isso a CDL é uma entidade capaz de assumir posicionamentos claros em favor da ética e da verdade. Nossa entidade tem autonomia e credibilidade para se posicionar a favor daquilo que concorda e contra aquilo que discorda porque temos como prioridade de trabalho o bem-estar do associado. Temos valores e princípios que respeitamos e graças a eles temos uma entidade forte, sólida, que vai completar 50 anos de atuação em 2018 com muito orgulho de sua trajetória. E devemos tudo isso a vocês, a comunidade empreendedora de Bento Gonçalves. Obrigado por permitirem que a CDL seja uma entidade à altura da representação que o comércio e serviços de nossa cidade precisa e merece”. Aplausos. Texto: Henrique Alfredo Caprara


Especial

Sábado, 14 de abril de 2018

Fotos Caroline Pandolfo

Caderno

Mérito Lojista Comércio: Plus.com Loja exclusiva plus size, a Plus.com inaugurou em novembro, acompanhando o movimento do mercado: 56% da população brasileira e 63% da população gaúcha está acima do peso ideal – configurando-se como loja exclusiva para atender esse perfil de consumidor. Helenir Bedin, proprietária da marca, tem mais de 35 anos de experiência e garante. “As peças são escolhidas para que a mulher se sinta linda, usando o que gosta, não o que tem no tamanho dela. Para que ela possa vestir peças de todos os estilos, no tamanho ideal para o seu biotipo”, explica. A loja, que é gerenciada pelo filho de Helenir, Igor Masutti e pela nora, Jucieli Peccin, oferece opções de cores, estampas, decotes e modelos da moda, favorecendo e valorizando cada cliente. A Plus.com é sinônimo de fortalecimento da autoimagem e da confiança própria de cada pessoa. Rua Saldanha Marinho, 575 - Fone: (54) 3075.1102

Esse prêmio é o que nos motiva a investir cada vez mais em nossos clientes, focar nas tendências do mercado, trazendo para o nosso atendimento cada vez mais qualidade. Além de investir em nossos colaboradores, pois, afinal, são eles que fazem o diferencial em nossa empresa.

Vanderlei Dalla Costa

7

Foi um projeto pensado com muito carinho, onde buscamos diferenciais e exclusividade em cada detalhe. Bento Gonçalves não tinha ainda uma loja com esse perfil. Estudamos a necessidade da comunidade e acreditei na minha intuição. Vai dar certo? Vai! Assim, dedicamos toda nossa paixão e experiência a este empreendimento. Estou muito feliz, pois nosso trabalho está sendo reconhecido diariamente. Isso é muito gratificante.

Helenir Bedin

Mérito Lojista Serviços: Dolce Gusto Uma história que passa de geração para geração. Vanderlei Dalla Costa, conta com orgulho quando ajudava o pai a entregar pão. Assim, sua família construiu um negócio que prima, não só a venda de alimentos, mas sim, a entrega de um serviço qualificado e personalizado. Em 2017, a loja no bairro São Bento foi renovada, refletindo o DNA da marca, que remete a sofisticação, sem perder o toque de tradição. Aliado a isso, a identidade visual foi renovada. E alguns conceitos foram reforçados agregando comodidades aos clientes, como o Pet Stop junto à entrada da loja. Preocupados também com a origem dos insumos, a empresa adquiriu, uma área de terras para produção de uma parte dos ingredientes utilizados pela empresa.


8

Especial

Sábado, 14 de abril de 2018

Mérito Lojista Jovem Empreendedor:

Matheus Afonso Lazzarotto, Motolife veículos e acessórios

Fundada há 38 anos, por Gilmar Lazzarotto, a Motolife atualmente é dirigida pelo filho Matheus Afonso Lazzarotto. Um jovem empresário que uniu sua paixão por motociclismo, a visão empreendedora de inovação, agregando um atendimento diferenciado ao seu negócio. Em 2016, Matheus assumiu a presidência do NOA RS, Associação das Concessionárias Honda Motos no Rio Grande do Sul, dividindo sua experiência com outras lojas da marca e inserindo ações de marketing que resultaram em

Caderno

credibilidade e satisfação aos clientes. Em 2017, a loja foi premiada pelo Moto Honda da Amazônia, com a concessão para Motolife abrir uma nova unidade na cidade de Caxias do Sul. Em pouco tempo, o espaço ganhou os caxienses e superou as expectativas de vendas. Com padrões mais modernos de atendimento para aproximar os vendedores dos clientes, o modelo da Motolife Caxias será replicado para toda rede e, no próximo mês, Farroupilha também terá uma loja.

Ter recebido o Troféu Mérito Lojista 2017 só fortalece nosso trabalho. O reconhecimento nos motiva a fazer mais, ser melhor e fazer melhor. Muitas vezes estamos focados pensando no que fazer para inovar e oferecer um diferencial ao cliente, mas não sabemos se, de fato, estamos no caminho certo. Então quando recebemos um prêmio desta magnitude entendemos que estamos acertando.

Matheus Lazzarotto.

A representatividade dos convidados Fotos Caroline Pandolfo

Gregory Kozowski e Francine Valentini

Antônio e Margot Longo

Cristiane Milani Marin e Daniel Amadio

Jaqueline e Volnei Benini

Carlos Augusto Farina e Raquel Vieira

Elton e Alexandra Gialdi

Sirlésio Carboni e Paula Bettoni

Tais Somacal e Luana Bernardi


Caderno

Social

Sábado, 14 de abril de 2018

9

Exata Comunicação, divulgação

Promoção inédita hoje no DiPaolo

Motogrupo Javali, presença estilosa no evento do DiPaolo

Cleunice Pellenz

Dirigentes da PROAMB/FIEMA BRASIL 2018 com docentes da Universidade de Caxias do Sul, no espaço da UCS, na feira de Negócios, Tecnologia, Conhecimento e Meio Ambiente

Presidente da Câmara de Vereadores, Moisés Scussel Neto; sócio-proprietário da mecânica Sonza & Scarduelli, Sr. Oclênio Scarduelli; e os diretores do Sistema S de Comunicação, Henrique Alfredo Caprara e Ana Inês Facchin, durante a comemoração do Jubileu de Ouro da Sonza & Scarduelli

O Di Paolo realiza no sábado, 14, um evento que promete movimentar o fim de semana, o Rock Style Festival. Será ao ar livre e as pessoas podem levar cadeiras de praia e banquinhos. Todos ganharão uma caneca personalizada e a primeira rodada de chopp Artesanal da Primo Octavio. Show, motos, roupas, joias entre outros fazem parte dessa festa. O cardápio que vai rolar no evento é o seguinte: frango xadrez ao molho de 4 queijos, nhoque ao molho de tomate seco, penne ao molho bolognesa, polenta frita, queijo à dorê e linguiça artesanal, à vontade. Entre as atrações haverá o lançamento oficial da nova

linha masculina de joias da Mel de Assis. Show do Johnny Grace também abrilhanta a festa, interpretando as melhores músicas do Rei do Rock. Os motoqueiros do Motogrupo Javali. A IESA HarleyDavidson concessionária autorizada de Porto Alegre, estará presente vendendo motos no local. A La Casa 1973, vai estar com sua charmosa Brasilia azul carregada de cachimbos, charutos, chapéus e narguilés. O pessoal da Planalto Barber Shop vai marcar presença. E as tendências da moda masculina ficarão por conta da Identidade Homem Moda Masculina e Couros Do Valleh. O 1º Rock Style Festival será das 14h às 18h. O ingresso custa R$ 55.

Em caso de chuva o evento ocorrerá na área interna da casa

LANÇAMENTO

20%

DE DESCON

TO

NA COMPRA DE 2 OU MAIS ITENS GLAMOUR

Glamour Just Shine O Boticário des Colônia 75ml R$129,90 Entre em contato com a gente 3701.2006

Via del Vino - 3452.4163 | Shopping Bento - 3055.2218 | L’América Shopping - 3451.7696


Caderno


Caderno


12

Social

Sábado, 14 de abril de 2018

Novelas

12 a 18/4

Shopping Bento

HOJE

Pedro Coelho

Horário: 18:30h – Dublado

(2D)

Pedro Coelho (2D)

Horário: 14:00h – Dublado

Nada a Perder (2D)

Horário: 16:00h – Nacional Horário: 18:30h – Nacional

Um Lugar Silencioso Sobrenatural V.E (2D) Horário: 21:00h – Dublado

Horário: 14:00h – Dublado Horário: 16:00h – Legendado Horário: 21:00h – Dublado

Amália tem receio dos planos de Catarina. Virgílio percebe que Rodolfo se incomoda com a popularidade de Catarina. Selena confessa a Ulisses que não sabe como ajudar Agnes. Catarina comenta com Lucíola que precisa manter Rodolfo apaixonado por ela. Afonso e Amália se despedem da mandingueira. Brumela diz a Ulisses que está disposta a aceitá-lo novamente na cozinha, se ele se comprometer a respeitar sua autoridade como chefe. Afonso e Levi se deparam com um caçador.

(18h)

SEGUNDA

Amália tenta convencer o caçador de que Afonso e Levi não oferecem perigo. Saulo estranha quando Selena lhe diz que Agnes é sua prima. Brumela se irrita com o elogio que Rodolfo faz a Ulisses e decide pedir demissão. Catarina se preocupa ao perceber que Diana a viu beijando Virgílio. Selena vai atrás de Afonso, depois que Agnes afirma saber onde ele está. Catarina reforça com Delano que Amália deve ser capturada. Selena alerta Afonso e Amália que há guardas à sua procura.

TERÇA

Ulisses toma a frente da equipe da cozinha com a ausência de Brumela. Selena despista Catarina, o caçador e os soldados. Mirtes deixa o convento. Romero encontra o arco de Levi na mata. Selena usa seus poderes para impedir que os guardas encontrem Afonso, Amália e Levi. Catarina designa Ulisses como o novo comandante da cozinha do castelo. Agnes leva Afonso e Amália para se esconder em uma caverna. Brumela diz a Betânia que trabalhará no campo. Virgílio pressiona Diana a contar o que sabe sobre o paradeiro de Amália.

O Outro Lado do Paraíso

(19h)

Pedro Coelho (2D) Horário: 13:45h – Dublado Horário: 16:20h – Dublado

Jogador nº 1 (2D)

Horário: 18:30h – Dublado

Círculo de Fogo: A Revolta (2D)

Horário: 21:10h – Dublado

Promoções

HOJE

L’América Shopping

Cine 2D - Quarta R$ 12,00 Cine 3D- Quarta R$ 15,00

Rampage - Destruição Total (3D) Horário: 13:45h – Dublado Horário: 16:20h – Legendado Horário: 18:30h – Dublado Horário: 21:10h – Legendado

Horósc po Áries • (21/3 a 20/4)

Deus Salve o Rei

Hermínia revela a Patrick as falcatruas envolvendo a internação e morte de Beatriz no hospital psiquiátrico. Patrick conta a Hermínia que Clara está viva. Raquel diz a Clara que decidiu ir até o quilombo se consultar com a Grande Mãe e pede à amiga que a acompanhe. A Grande Mãe incentiva Raquel a casar com Bruno. Xodó confessa ao delegado o que sabe sobre Sophia e Zé Victor. A Grande Mãe cuida de Mariano, que se recupera no quilombo.

SEGUNDA

A Grande Mãe do quilombo cuida de Mariano e garante que ele irá se recuperar. Juvenal se apaixona perdidamente por Desirée, que agradece as dicas de Caetana. Melissa e Diego se casam novamente. Gustavo e Nádia dormem juntos. Zé Victor extorque Sophia e Gael desconfia. Clara teme pela vida de Beth e Gael a conforta. Patrick vê Gael com Clara e conclui que estão mesmo juntos. Adriana e Beth se preparam para o transplante. Começa a audiência de Fabiana contra Clara.

TERÇA

Clara relata ao Juiz sobre seu relacionamento com Beatriz e a herança que recebeu da amiga. A pedido de Patrick, o Juiz convoca Hermínia para depor e todos se surpreendem. Raquel confronta Nádia, que propõe amizade à futura nora. Nádia se decepciona com a atuação de Odair na cama. Clara desconfia da proximidade entre Helder e Suzy. Beth é operada e Clara dá força para a mãe. Adriana se prepara para o transplante. Gael afirma a Bruno que Clara precisa saber da investigação sobre Sophia.

Caderno

Hoje temos a Lua em movimento pelo seu signo e também a finalização do movimento retrógrado de Mercúrio. Procure se preparar para as novas energias e possibilidades que estão surgindo.

Touro • (21/4 a 20/5) Dia importante de autoconhecimento e interiorização.Percepção do que está além do seu controle e que exige entrega e confiança na vida. Perceba como está lidando com a autoestima.

Gêmeos • (21/5 a 20/6) Seu regente, Mercúrio, está findando o movimento retrógrado. Dia importante para fazer um balanço do que ocorreu ao longo das últimas semanas. Conclusões sobre como vem se gerando e lidando com suas dificuldades.

Câncer • (21/6 a 20/7) A partir de amanhã, você sentirá uma nova energia, principalmente em relação à carreira. Evite atitudes impulsivas e espere apenas um pouco mais para iniciar novos projetos.

Leão • (21/7 a 22/8) Momento muito significativos de reflexões, ponderações e reavaliações. Dia que pede mais silêncio e observação de suas atitudes. Questões relacionadas a viagens e estudos serão definidas nos próximos dias.

Virgem • (23/8 a 22/9) Um sábado que pede um olhar mais profundo sobre seus sentimentos e sobre a forma como está vivenciando as relações e a sexualidade. Cuidado com a desconfiança, o excesso de controle e a manipulação emocional. Fonte: horoscopovirtual.uol.com.br

Libra • (23/9 a 22/10) Um sábado importante para reflexões e reavaliações em seus relacionamentos. A partir de amanhã, uma energia se faz presente em suas parcerias, associações e relacionamentos.

Escorpião • (23/10 a 21/11) Um dia importante para dar uma pausa, refletir e recarregar suas energias. Pode estar se sentindo sobrecarregado com as demandas acumuladas na semana. Momento de reflexões e de preparação para um novo ciclo.

Sagitário • (22/11 a 21/12) Atenção redobrada com a tendência a agir de forma impulsiva, especialmente na vida afetiva. A partir de amanhã, uma nova energia se manifestará em relação às emoções e aos sentimentos.

Capricórnio •(22/12a20/01) Reavaliações sobre casa, família e questões domésticas. Um dia em que você tende a estar mais silencioso e receoso. Um bom momento para fazer um balanço do que ocorreu nos últimos meses.

Aquário • (21/01 a 19/02) CUm bom momento para reavaliar suas opiniões e pontos de vista, respeitando as diferenças nos relacionamentos. É véspera de Lua nova, um dia de preparação para uma nova etapa que vai se iniciar.

Peixes • (20/02 a 20/03)

Consciência maior de seus talentos, habilidades e potencialidades. Mercúrio está encerrando o movimento retrógrado, o que favorece colocar em prática o que você aprendeu. Hoje ainda é um dia de silêncio e observação.


Sábado, 14 de abril de 2018

3

PST: Pulsed Signal Therapy - Terapia de Sinal Pulsado no Tratamento das Patologias Ortopédicas BTL portugal

Dica

Faça atividade física ao sol Apenas 15 a 20 minutos de exposição à luz solar por dia (sempre com uso de protetor solar) pode fornecer a quantidade necessária diária de vitamina D. A substância ajuda a combater diabetes,

ataques cardíacos, insuficiência cardíaca, pressão arterial alta e talvez até mesmo o resfriado comum. Mas não exagere, muita exposição ao sol pode aumentar o risco de câncer de pele.

Dr. Diego Gyboski CREMERS 29.650 | TEOT 13.787 | RQE 29.950

Ortopedia e Traumatologia Terapia por Ondas de Choque Centro de Tratamento por Ondas de Choque de Bento Gonçalves

Dr. Diego Gyboski Ortopedista e Traumatologista CREMERS 29650, RQE 29950 e TEOT 13787

PST consiste em um sistema avançado de magnetoterapia não invasivo, seguro, indolor e isento de efeitos colaterais que utiliza aparelhos geradores de campos eletromagnéticos de baixa frequencia para aplicação de estímulos em determinada área do organismo a ser tratada. Este método é utilizado há mais de duas décadas na Europa e Estados Unidos como

aliado no tratamento das doenças degenerativas e traumáticas ortopédicas. As pesquisas foram iniciadas na Alemanha na década de 70 e após diversos estudos clínicos que comprovaram a segurança do método e sua eficácia, principalmente com a comprovação in vivo de que ocorre um aumento da síntese de proteoglicanos e colágeno pela cartilagem articular, o mesmo vem sendo utilizado com sucesso para o tratamento das mais variadas patologias ortopédicas, principalmente as artroses ( desgaste das cartilagens articulares) com resultados significativamente estatísticos

nos últimos estudos clínicos. Dentre as patologias que podem ser tratadas com o método estão as artroses ( joelho, quadril, etc), patologias degenerativas de coluna (inclusive hérnias de disco sintomáticas e artrose), tendinopatias crônicas, fraturas por stress, alterações degenerativas secundárias a artrite reumatóide, dentre outras. Como resultado após tratamento tem-se uma melhora significativa da dor, mobilidade e capacidade funcional da área tratada. A Clínica Médica Gyboski traz com exclusividade a Bento Gonçalves esta tecnologia.

CETOC - BG

Rua José Mário Mônaco, 227 | Sala 904 | Fone: (54) 3702.2390 Centro Profissional Serrano | clinicagyboski@gmail.com www.clinicagyboski.com.br

Vanessa Osmarin Psicóloga | CRP 07/25656

54 99634.0108

Atende Transtornos de Ansiedade; Transtornos Depressivos; Transtorno do Humor Bipolar; Transtorno do Déficit de Atenção e Hipera vidade, entre Outros; Atende crianças, adolescentes e adultos; Possui convênio com planos de saúde.

R. Senador Joaquim P. Salgado Filho, n° 203, sala 502 – Cidade Alta, BG – RS

Tenha uma pele mais saudável e bonita Chá verde: É capaz de hidratar a pele, dar firmeza e elasticidade, melhorando o aporte sanguíneo e facilitando o transporte de oxigênio e nutrientes para a pele”, explica Monica Batista. Água de Arroz: A água de arroz é rica ácido kojico e, se utilizada a longo prazo, deixa a pele com aspecto mais claro. Misture a água de arroz com aveia e linhaça, elaborando um mix que tem poder hidratante. Ácido Hialurônico: É uma molécula de açúcar presente no organismo que atrai a água e pode atuar como lubrificante. Na pele humana, ele pre-

enche o espaço entre as células, as mantendo lisas, elásticas e bem hidratadas. Extrato de Romã: A romã é rica em antioxidantes, que combatem os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce e a flacidez cutânea, perda da elasticidade, rugas e manchas. Também aumenta o fator de proteção do filtro solar que é aplicado na pele. Mas não se esqueça: limpar, tonificar, esfoliar e proteger a pele com protetor solar fator 30 são requisitos básicos que nunca devem ser deixados de lado na sua rotina. Fonte: harpersbazaar.uol.com.br

CRM 17660

Prevenção, Tratamento Médico e Cirúrgico de Enfermidades da Pele Rua Gen. Osório, 309, Ed. Osvaldo Cruz, sala 904 | Fone: 3452.4723

Você também é apaixonado por

bike?

Aqui você encontra as melhores marcas e acessórios para sua diversão em duas rodas.

Av. Osvaldo Aranha, 225 Sala 101 | www.jamar.esp.br | Fones: 3055.2675 | 3451.2675


Sábado, 7 de abril de 2018

Dica

Quantidade de açucar no sangue Pré-diabetes é uma condição na qual o açúcar no sangue está elevado, mas não muito alto o suficiente para ser classificado como diabetes. Mas é quase tão tóxico para o organismo como a diabetes em si. Além do mais, cerca de 57 milhões de pessoas

nos EUA têm pré-diabetes, mas não sabem disso. Exercício físico regular e um alto teor de fibras na dieta, aliados ao consumo de carboidratos saudáveis, podem manter o açúcar no sangue dentro da faixa de segurança.

Especialistas americanos elevam o nível de pressão arterial considerado seguro para pessoas acima de 60 anos

/MAGRASSBENTOGONCALVES

(54) 99922-6512

Os novos limites da pressão

Fotos Divulgação

4

(54) 3452-6512

Anúncio 10,1x5 .indd 2

28/03/2018 18:14:46

O controle da pressão arterial elevada é um desafio mundial. Ela é o principal fator de risco para infartos e acidentes vasculares cerebrais, as maiores causas de mortalidade atuais. Nos Estados Unidos, apenas 50% dos hipertensos mantêm a pressão nos níveis certos. No Canadá, o país campeão em resultados, 70% alcançam os patamares recomendados. No Brasil, esse índice fica em torno de 20%. Preocupados em melhorar a compreensão de médicos de todas as especialidades e da população sobre o manejo da pressão arterial, um grupo de 17 experts americanos divulgou, na semana passada, o novo consenso sobre os níveis seguros de pressão. O documento, que era aguardado desde 2007, foi publicado na edição online do “The Journal of the

American Medical Association” (Jama) na quarta-feira 18. A principal mudança é o alargamento dos limites considerados para pessoas acima de 60 anos. A partir de agora, o nível máximo aceito para esse grupo é de 150 mmHg para a pressão sistólica (o número mais alto). Antes, era de 140 mmHg. A pressão diastólica (o valor menor) foi mantida em 90 mmHg. O aumento se deve a pesquisas bem consolidadas. “Um conjunto importante de evidências científicas está mostrando que idosos tendem a ter pressão mais elevada devido ao endurecimento das artérias natural da idade”, diz Carlos Machado, diretor da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Com a nova medida, milhares de pessoas que teriam indicação de tomar remédio para

controlar pequenas elevações na pressão sistólica não precisarão usar comprimidos. Para a faixa de idade entre 30 e 59 anos, não houve alterações: a pressão aceitável é aquela inferior a 140/90 mmHg. Essa determinação vai de encontro a uma ideia generalizada de que quanto mais baixa a pressão, mais protegido o indivíduo está de acidentes cardiovasculares. A revisão dos americanos não encontrou dados que dessem suporte a esse conceito. “Constatou-se também que faltam estudos mais aprofundados em populações abaixo dos 30 anos”, diz o cardiologista mineiro Marcus Malachias, diretor do Instituto de Hipertensão Arterial de Minas Gerais. Fonte: istoe.com.br

Novo tratamento para Esclerose múltipla

O sorriso é o desenho mais belo que você é capaz de fazer!

Um estudo experimental, cujo objetivo é interromper o avanço da esclerose múltipla, foi realizado por uma equipe internacional liderada pela Universidade Northwestern, em Chicago (EUA). Alguns pacientes participaram do estudo em hospitais universitários nos Estados Unidos, na Inglaterra, na Suécia e no Brasil. Os resultados foram promissores, se comparados com os tratamentos convencionais disponíveis hoje. Em um grupo de 52 pacientes, apenas 3 apresentaram alguma piora em seu quadro três anos depois do procedimento, diferentemente do grupo de controle, que em um total de 50 pacientes, 30 tiveram uma piora. O tratamento visa cessar o ataque do sistema imunológico

O que é?

às células cerebrais com uma abordagem radical: sua destruição e reconstrução. Como é feito o tratamento? Na terapia são coletadas células-tronco hematopoiéticas do paciente, presentes no sangue e na medula óssea, que são capazes apenas de se diferenciar em células sanguíneas. Fonte: www.minhavida.com.br

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o cérebro, nervos ópticos e a medula espinhal (sistema nervoso central). Isso acontece porque o sistema imunológico do corpo confunde células saudáveis com “intrusas”, e as ataca provocando lesões. O sistema imune do paciente corrói a bainha protetora que cobre os nervos, conhecida como mielina. Os danos à mielina causam interferência na comunicação entre o cérebro, medula espinhal e outras áreas do sistema nervosa central.


GERAL 17

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Trentinos em Bento

Pesquisa traz novidade sobre imigração A vitivinicultura foi essencial para a prosperidade na região, diz sociólogo italiano, que apresentou estudo na Casa das Artes Lucas Araldi geral2@jornalsemanario.com.br

A

s colônias italianas, na Serra Gaúcha, se desenvolveram antes do que nas demais regiões do Brasil, porque a terra era propicia para o cultivo da uva, prática que já era comum no norte da Itália do século XIX. Esse é um dos apontamentos da pesquisa realizada pelo sociólogo Renzo Maria Grosselli, que se dedica a estudar a imigração lombarda, trentina e vêneta no Brasil e esteve em Bento Gonçalves nesta semana. Ele fez uma palestra sobre o trabalho de pesquisa que empreende há 40 anos, na quarta-feira, 11, na Casa das Artes. De acordo com informações do Circolo Trentino de Bento Gonçalves, a oportunidade auxiliou a comunidade a conhecer melhor a história e as origens dos seus antepassados. Segundo Grosselli, os imigrantes que vieram para o Rio Grande do Sul, sobretudo para a Serra Gaúcha, encontraram condições melhores do que nos demais lugares do Brasil. “Mesmo assim, foi uma barra muito pesada”, frisa. Ele aponta que o solo fértil para o cultivo da uva e a elaboração de vinhos foi o principal fator que levou ao desenvolvimento da região. “Por aqui eles podiam cultivar o que sabiam. O norte da Itália era exportador de vinho para o império da

Áustria, principalmente Salzburgo e Viena”, justifica. Grosselli também afirma que o Rio Grande do Sul e São Paulo ficaram conhecidos como os estados da revolução industrial. Segundo ele, isso também contribuiu para a região se desenvolver. “Eles capricharam no vinho, exatamente em Caxias, Bento e Garibaldi”, complementa.

Terra, trabalho religião e família A pesquisa de Grosselli aborda ainda aspectos da cultura do norte da Itália, que foram trazidos para o Brasil. Segundo ele, há quatro valores essenciais, que marcaram a imigração: terra, trabalho, religião e família. “Eles eram realmente e humildemente dedicados à religião e a família era uma célula fundamental e indivisível”, ressalta. O sociólogo ainda comenta que eles vieram para cá para ganhar as terras. “O tirolês italiano ou trentino continua sendo um dos povos mais trabalhadores da Europa e do Brasil”, observa. Contudo, ele avalia que algumas questões mudaram ao longo do século XX e XXI. Por exemplo, hoje os trentinos já não são muito conectados com a religião e a família se transformou. “Mudou tudo aqui, mudou tudo lá. Hoje as coisas estão se refazendo. Muitos já não são mais ape-

Faça seu orçamento pelo aplica vo da

Pasqualotto Seguros Com o aplica vo você realiza em poucos minutos cotações de seguro automóvel, residencial, moto e caminhão em mais de 10 seguradoras.

gados à religião”, afirma. A miscigenação cultural dos trentinos no Brasil também foi tema do estudo de Grosselli. Segundo ele, o caráter antropológico da pesquisa revelou como se deram os casamentos com portugueses ou outras nacionalidades, bem como a relação deles com a parte negra da população. “Nós não estamos visitando trentinos, nós estamos visitando amigos brasileiros que ainda estão, digamos, ligados às raizes. Quando cair Brasil e Itália no final da Copa do Mundo, os brasileiros vão torcer pelo Brasil”, reflete. Para o escritor bento-gonçalvense Remy Valduga, a memória da imigração se materializa sobretudo nos dialetos e nas capelas centenárias. Ele conta que, apesar de ser de família trentina, acostumou-se com o dialeto vêneto. “Eles vieram de culturas diferentes, cada região evidenciava diferentes realidades. Por exemplo, sou descendente de trentino, mas me criei no meio dos vênetos”, comenta o escritor.

LUCAS ARALDI

Valduga (e) e Grosselli se encontraram para trocar informações

Uma pesquisa dedicada à imigração Renzo Maria Grosselli é natural de Trento, Itália e já publicou uma dezena de livros sobre a imigração italiana para o Brasil. Ele é formado em sociologia pela Universidade de Trento, em 1976, e obteve o doutorado na Pontifícia Universidade Católica de Porto Alegre (PUC), em 1998. O pesquisador morou nos estados de Santa Catarina, Espírito Santo, Paraná e São Paulo, onde empreendeu pesquisas em dioceses, além de arquivos públicos e privados.

Rua General Gomes Carneiro, 436, sl 07 | Edifício Marcelo -Centro - BG

atendimento@fluxoimob.com.br |

facebook.com/fluxoimoveis

Plantão Permanente: (54) 99148 1170 www.fluxoimob.com.br | Fone: (54) 3702.2080

Apartamento Santa Rita R$ 250.000,00 Belíssimo apartamento composto de dois dormitórios e demais dependências, localizada em rua calma e tranquila. Último andar. Além de possuir espera para água quente o mesmo também possui aquecimento solar. Ficam os móveis planejados bem como os splits e luminárias. Amplamente negociável. Aceita imóvel, preferencialmente em Flores da Cunha e/ou veículo como parte do pagamento. Parcela direto. Documentação toda em dia, podendo ser financiado. Agende uma visita com um de nossos corretores. Lembre-se que, com um corretor, sua compra é sempre mais segura.

Terreno Santa Helena III R$ 245.000,00 Excelente terreno de 13,00 m x 30,00 m, plano, numa região tranquila, com belas casas construídas na vizinhança, estritamente residencial. Amplamente negociável, aceita veículo mediante avaliação e parcela direto. Agende uma visita com um de nossos corretores. Lembre-se que, com um corretor, sua compra é sempre mais segura.


18 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

AMESNE

“Persistência é a ordem. Não podemos Diz Antonio Cettolin, presidente, que encerra gestão dia 27, falando de conquistas e avanços necessários, inclusive na FOTOS VALÉRIA LOCH, DIVULGAÇÃO

S

egurança pública, judicialização da saúde, centro regional de traumatologia, ingresso de novos municípios na entidade e muita união das cidades para avançar em conquistas regionais são alguns dos enfoques que o prefeito de Garibaldi, Antonio Cettolin, cuja gestão à testa da presidência da AMESNE- Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste- encerra no próximo dia 27 de abril. Mais do que isso, fala do eixo BR470 que em breve formará um conglomerado urbano único em alguns trechos, e da capacidade de união da região em torno de objetivos comuns, uma união que não acontece ainda de forma suficiente no campo da necessária representatividade política estadual e federal que já teve grande repercussão no passado e hoje poderia ser bem maior.

Comitê Regional da Saúde Outra prioridade da gestão foi a criação do Comitê Regional de Saúde que abrange a Ortopedia e Traumatologia. “Essa carência até hoje ainda não está suprida e por isso foi criado este comitê, abrangendo também a questão da Judicialização da saúde, comenta Cettolin, “Como não existe uma regionalização da traumatologia, os pacientes acabam indo para a lista do Estado e então acontece de pessoas ficarem até três ou quatro anos à espera para fazer uma cirurgia”.

Segurança na BR 470 Cettolin salienta como enfoque principal de sua gestão a atenção com a segurança pública que envolve todos os municípios e o próprio Estado . “Juntamente com o Secretário de Segurança do Estado a Amense reuniu os municípios da região para buscar a instalação de câmeras de segurança não apenas nas áreas urbanas mas também junto à BR470. E isso iniciou com Carlos Barbosa, Garibaldi e Bento Gonçalves, unificando para criar uma central de monitoramento regional em Bento Gonçalves

falta mais, porém isso está sendo discutido também pelo COREDI, que envolve 38 municípios, como é o caso da duplicação da BR470, da RS 453 entre Garibaldi e Farroupilha e de uma terceira pista entre Farroupilha e Caxias do Sul. Outra ligação asfáltica na pauta, em parceria com o Vale do Taquari, é a ligação entre Muçum e Santa Teresa, que também continua em discussão.

Farmacêutico Antonio Cettolin, prefeito de Garibaldi, encerra sua gestão à testa da Amesne dia 27 de abril que está praticamente pronta, “o projeto está evoluindo” afirma Antonio Cettolin. A federalização da BR 470 começou antes do mandado de Cetolin mas ele destaca como um fato importante conquis-

tado pela união de entidades como o CIC Serra, Amesne, mais prefeituras, entre outros, propiciando também a tão esperada rótula no Trevo da Telasul, inaugurada recentemente. Mas Cetolin diz que ainda

Principais Demandas e Conquistas da AMESNE gestão 2017/2018 Alta Complexidade em Ortopedia e Traumatologia (ter um município como referência nesta área) Luta para a melhoria pública na região (Sistema Integrado dos Municípios e Cercamento Eletrônico) Judicialização da Saúde e da Educação (creches) Revisão do Plano Diretor e Mobilidade Urbana Reunião no TCE – Aproximando mais o tribunal e os gestores e esclarecendo a Lei 13.019, licitações e etapas do TCE Formação do Comitê Regional de Saúde Realização do Censo de Línguas em conjunto com a Secretaria de Estado da Cultura Luta pela vinda da UFRGS na Serra Gaúcha

Enquadramento das águas da bacia hidrográfica Taquari Antas e seus efeitos nos municípios Municipalização do Ensino Fundamental Ligação asfáltica “pelos caminhos do pãp e do vinho” (AMESNE e AMVAT) Luta pela aprovação do pacote de ajuste fiscal do governo do estado Missão técnica Conselho de Farmácias Apoio a reatirada da emenda 17, da Lei complementar 249/2017 (Regime de recuperação fiscal do Estado. Ingresso de mais um município na AMESNE (São Valentim do Sul)

A questão que impunha aos municípios ter um farmacêutico em cada posto de atendimento para poder repassar os medicamentos, previamente receitados por médicos, aos pacientes, também foi superada com o esforço da Amesne e Cettolin considera essa “uma grande luta e uma grande conquista. Afinal, os municípios não vendem remédios, apenas entregam para as pessoas mediante receita médica. Manter um farmacêutico em cada posto seria inviável.

Plano Diretor A revisão do Plano Diretor e de Mobilidade Urbana é mais uma preocupação da Amesne já que é necessária em todos os municípios e deve estar pronto até 2019. Cettolin entende que quanto mais cedo forem realizadas as modificações que precisam ser feitas, mais rápido será o processo de elaboração de projetos com abrangência regional.

Cisga A parceria com o CISGA (Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Serra Gaúcha) é citada como um fato importante na Amesne para Cettolin, já que sua finalidade principal é promover economicidade de forma coletiva aos municípios, bem como implantar iniciativas na promoção de desenvolvimento sustentável. O objetivo do CISGA é atuar na gestão associada de serviços públicos nas diversas áreas de atuação da administração pública. Consoante a este propósito o consórcio está habilitado a receber convênios ou outros instrumentos ou outros instrumentos para implementação das ações previstas em seu planejamento. Um bom exemplo, diz o presidente da Amesne, foi a aquisição de um veículo, através do CISGA para a polícia regional de Bento Gonçalves que atende também Garibaldi, Carlos Barbosa, Veranópolis, Nova Prata e outros.

Reunião com TCE A ASMENE também promoveu uma reunião com o Tribunal de Contas do Estado e os gestores para dialogar com o órgão fiscalizador no sentido de resolver dúvidas e esclarecer iniciativas. Outra aproximação que trouxe benefícios para a entidade segundo Cettolin, foi com o Ministério Público e com o Judiciário como um todo. “Hoje existe uma parceria buscando amenizar a problemática e tentar resolver da melhor forma possível as questões”, diz Cetolin.

Pacote Fiscal do Estado “Existe uma luta pra aprovação do pacote de ajuste fiscal do Estado” afirma Cettolin. Ele reconhece que muitos acham ruim mas que, para os municípios, é importante pois há necessidade de adaptações. O Estado, por exemplo, já aprovou o teto máximo para aposentadoria e os municípios também “terão que se adaptar a isso porque a situação em que o Estado está hoje os municípios podem estar amanhã”.


GERAL 19

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

nunca desistir”

Municípios da Amesne A Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste – AMESNE foi fundada em 1966 visando a solução de problemas comuns das cidades da serra. Solucionar problemas comuns dos municípios é a meta. A finalidade é associar, integrar e representar judicial e extra judicialmente as cidades da região. A AMESNE visa formular diretrizes , representar seus membros , promover intercâmbio, buscar e promover assessoria, conveniar as instituições e promover estudos. Hoje a entidade possui em seu quadro 34 municípios:

representação política da Região no Estado e País

Em entrevista a Ana Inês Facchin, do Jornal Semanário, Cettolin falou das necessidades regionais

Vinda da UFRGS Na área da educação e cultura, Cettolin enfatiza a luta para a vinda da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. “Já existe uma comissão formada e o terreno escolhido é da Embrapa, entre Bento Gonçalves e Garibaldi. Já aconteceu inclusive uma reunião em Brasília. Fica no miolo da Serra Gaúcha porque se localiza a 40Km de Caxias, 60Km de Veranópolis e Nova Prata, a 70Km do Vale do Taquari. Um novo encontro com a Reitoria da UFRGS está sendo agendada para viabilizar esse novo campus. Veja que no passado, quando a região Sul do estado era mais desenvolvida economicamente, foram destinadas a ela universidades federais em diversas comunidades. Depois a região Nordeste se desenvolveu, construiu suas soluções por conta, como é o caso da Universidade de Caxias do Sul. Mas o direito a uma universidade federal a nossa região tem e nisso concentramos nosso objetivo de trazer esse campus. Estamos organizados, temos o local, excelente localização, chegou a hora de termos nossa universidade federal aqui também”.

Missão Técnica A cada dois anos a Amesne promove uma visita técnica a outros países, como já foi ao Chile e Israel. Cettolin diz que ir ao Chile,

por exemplo, “esclareceu questões sobre a uva e oliveira entre outros. Já em Israel o foco foi o aproveitamento da água, o tratamento de esgoto e o gado leiteiro que tem o dobro de produtividade daqui. A próxima Missão Técnica será para os Estados Unidos no mês de agosto desse ano e o Consulado está definindo o roteiro para buscar principalmente informações sobre gestão pública como administram seus municípios e que exemplos podem ser adaptados”.

Crescimento A AMESNE engloba hoje trinta e quatro municípios e recentemente teve a adesão de São Valentim do Sul. E agora Dois Lajeados também cogita participar da AMESNE, ressalta Cettolin. “Vamos incrementando cada vez mais nossa entidade” é a postura de Cetolin que entrega o cargo dia 27. Gestão conjunta dos municípios para resolver problemas em comum é um lema do presidente.

Desafio político ”O coletivo é extremamente importante” pontua Cettolin. A baixa representatividade política estadual e federal da Serra Gaúcha é vista como um desafio a ser superado já que, segundo Antônio Cetolin, na época de eleições cada partido político pensa por si não pensa regional-

mente, o que se reflete como um dos pontos fracos da região atualmente. Ele diz que se fala em dez a doze candidatos nas próximas eleições e com isso a grande probabilidade é que não se eleja nenhum. Cita Caxias do Sul que também tem essa queixa mesmo tendo Mauro Pereira como suplente que assumiu como deputado Federal e Pepe Vargas. “’ É extremamente importante termos aqui um deputado como Mauro Pereira, que já ajudou na liberação de R$16 milhões para a região, temos sentido isso todos os dias. Mas o potencial da região permitiria termos mais representantes, sem dúvida, o que nos fortaleceria ainda mais e seria meritório. Mas infelizmente não acredito numa mudança do quadro a curto prazo, com esse modelo eleitoral de agora e com a quantidade excessiva de partidos. Torço para que surjam novas lideranças fortes, que venham representar os municípios que integram a AMESNE”.

Persistência Para o futuro da entidade Cettolin diz que um dos desafios importantes será sentar com a bancada gaúcha no sentido de pleitear verbas para diversas áreas na Serra, como foi feito com a BR116 entre Pelotas e Rio Grande. “Ser persistente é fundamental e agir em favor do coletivo é sinônimo de crescimento”, finaliza.

• Antônio Prado • Bento Gonçalves • Boa Vista do Sul • Carlos Barbosa • Casca • Caxias do Sul • Coronel Pilar • Cotiporã • Fagundes Varela • Farroupilha • Flores da Cunha • Garibaldi • Guabiju • Guaporé • Marau • Montaury • Monte Belo do Sul • Nova Araçá • Nova Bassano • Nova Pádua • Nova Prata • Nova Roma do Sul • Paraí • Pinto Bandeira • Protásio Alves • Santa Tereza • São Jorge • São Marcos • São Valentim do Sul • Serafina Corrêa • União da Serra • Veranópolis • Vila Flores • Vista Alegre do Prata


20

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Reencontro de histórias

Uma noite de emoção e homenagem Primeira turma de Ciências Econômicas da UCS/ CARVI recebe menção pelos 50 anos do início da graduação em Bento FOTOS LORENZO FRANCHI, CLAUDIA VELHO UCS

Lorenzo Franchi geral4@jornalsemanario.com.br

H

á 50 anos a Fundação Educacional da Região dos Vinhedos (FERVI), atual Universidade de Caxias- Campus Universitário da Região dos Vinhedos (Carvi) apresentava sua primeira turma. 23 jovens do curso de ciências econômicas se tornariam pioneiros abrindo caminhos para mais de 10 mil acadêmicos já formados pela instituição em Bento Gonçalves. Na noite de terça-feira, 10 de abril, como forma de resgatar e valorizar parte da sua história, a UCS promoveu uma noite de encontros e homenagens. O evento aconteceu na sede da entidade na capital do vinho e contou com a presença de 12 dos 23 formados. Alguns não puderam comparecer devidos problemas de saúde.

Amizade Em 1968 tudo era novidade para os cerca de 50 alunos e professores responsáveis pelos primeiros passos da graduação. O economista e contador Pedro Paulo Zanatta, 91 anos, desenvolveu atividades como educador neste período. Ele conta que foi descoberto como mestre, aceitando uma solicitação para compartilhar seus ensinamentos na área com os jovens. Zanatta conta que a descoberta logo virou “paixão por dar aula. Atuei até 2007, 2008, tinha 81 anos. Foram mais de 50 anos dedicados a isto. Não queria parar, mas parei para poder desfrutar, descansar um pouco”, disse. O educador relembra que “a convivência era muito boa, sempre tivemos um bom relacionamento. Por ser no início, ainda uma adaptação, os alunos e professores tinha uma parceria, uma empatia muito grande. Nós estendíamos a relação de sala de aula, para churrascos, cafés, boas conversas em bares. Cada um procurava atender ao outro sempre, havia muita reciprocidade entre a gente”, recorda. Quanto ao reencontro, o professor se disse encantado com toda a recepção. “É sem-

Dos 23 alunos que concluíram o curso em 1971, 12 compareceram a homeangem realizada pela UCS, na segunda-feira, 10 pre bom rever amigos, pessoas que marcaram a minha história. A maioria ainda eu tenho contato. Nos encontramos, conversamos, damos risadas, compartilhamos as nossas vivências. A UCS está de parabéns por resgatar esse capítulo importante na sua consolidação”, enfatiza.

Carinho Assim como o professor Pedro Zanatta, outros funcionários queridos pelos alunos da época estavam presentes na homenagem. Entre eles, as amigas Armilda Pilette Beltran, 84 anos, e Marlene Magdalena Melatti, 74 anos. Elas eram figuras abraçadas por todos, que sempre as cumprimentavam com brincadeiras e boas recordações. Armilda lembra que foi “a primeira a bater o vestibular dessa turma, da instituição. Era tudo na máquina- datilografia. Acompanhei eles em todo o processo, do vestibular, matrícula e a formatura”. Quanto ao carinho recebido, ela reforça que sempre houve respeito. “Esses prédios são como uma extensão da minha residência. Eu amava o que eu

fazia. Trabalhar como secretária, na parte administrativa me proporcionou ter um contato com todos. Tivemos sempre uma boa relação. A UCS Carvi tem como característica muito forte a humanidade, é uma instituição humana, onde as pessoas se encontram, se sentem bem e se desenvolvem”, relata Armilda. Marlene ainda complementa, ao falar que o carinho transformou-se em reconhecimento nas formaturas. “Foram 37 anos atuando no registro geral. Nossa relação era muito boa. Fomos 15, 20 vezes homenageadas de turmas. Tu quer prova maior do que esta? Isso é motivo de orgulho, saber que estamos na história das pessoas, do curso, da instituição me emociona. A gente passava sempre brincando, uma mexendo com a outra, com os alunos, professores. Foram ótimos anos, faria tudo de novo”, disse. A aposentada ainda reforça, que seu amor pelo trabalho e ambiente, foi seguido pelo filho Rodrigo Benedetti, que trabalha há 19 anos na UCS Carvi, no setor de informática. “Não tem exemplo maior do que estes. Ele viu no meu

espelho de realização, um sentimento para desenvolvimento profissional”.

Primeira Turma Repetindo o gesto de décadas passadas, mais uma vez, coube ao empresário Ademir de Gasperi, 70 anos, ser o orador da turma na cerimônia. Ele destacou a alegria de todos em serem lembrados pela UCS. “Nós que somos o embrião da Fervi, jamais poderiamos imaginar iríamos contribuiríamos para este crescimento do ensino superior em Bento Gonçalves. Nos enche de orgulho”. ele ainda complementa que “poder reencontrar amigos, professor ainda vivo, traz boas recordações”. Quanto ao processo educacional, Gasperi relata algumas dificuldades, entre elas o pouco ambiente universitário, tendo em vista o início da graduação. “Tivemos pouco o espirito de universidade, pois não tinha essa integração de cursos e demais pessoas, mas por outro lado tivemos a nata dos professores da UCS. Eles nos deram suporte para que pudéssemos seguir na vida”, ressalta.

Sobre lembranças, Gasperi brinca, “minha saudade é de ter 20 anos. Com o conhecimento de hoje e 50 anos a menos seria muito importante”.

Homenagem O professor Miguel Angelo Santin, sub-reitor da UCS/ Carvi, destacou que a “comemoração é muito importante em virtude de que a Universidade de Caxias do sul, no ano passado, comemorou 50 anos. Fundada em 1967, mas já em 1968 abriu um curso superior aqui em bento Gonçalves. O que já denota que a instituição nasceu com espírito de regionalização. Essa é a turma que iniciou em 1968 e simbolicamente eles são os pioneiros dos cursos superiores na cidade”, enfatiza. Santin ainda continua, “a partir desta abertura, nós já tivemos aqui em Bento 10.800 alunos formados. Só na economia, são 1.300.É uma história de sucesso que comemoramos nesta data (segunda-feira, 10)”. O sub reitor ainda relatou que para comemorar 25 anos da união entre UCS e Fervi, mais homenagens serão feitas. A instituição, também passará ter em Bento, cursos de mestrado.


GERAL 21

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Fiema Brasil 2018

Um legado de inspiração e ideias Cerca de oito mil pessoas acompanharam os três dias de programação da feira de negócios, tecnologia e conhecimento FOTOS REPRODUÇÃO

I

ntangível e exponencial, o legado da Fiema Brasil 2018 versa, principalmente, no despertar de ideias que renovam a percepção da sociedade acerca da gestão ambiental. A Feira de Negócios, Tecnologia e Conhecimento em meio ambiente encerrou sua oitava edição, realizada entre os dias 10 e 12 de abril no Parque de Eventos de Bento Gonçalves, com um saldo de incontáveis soluções exibidas por cerca de 100 empresas expositoras e novos conceitos abordados em mais de 50 palestras técnicas que ocorreram no período. Foram mais de 7,6 mil pessoas, entre visitantes profissionais, acadêmicos e lideranças setoriais que participaram da programação. Transpondo um cenário de adversidades para sua realização – comum para boa parte das feiras de negócios, em razão da recessão econômica enfrentada pelo país em 2017 – a Fiema Brasil 2018 tem a marca da superação. “Dedicamos muito trabalho nos preparativos e, graças a esse envolvimento, conseguimos oferecer aos expositores e visitantes um encontro de alto padrão. Foi uma feira inspiradora, tanto para o aperfeiçoamento dos já existentes quanto para a geração de oportunidades de novos negócios”, avaliou o presidente da oitava

Organizadores, expositores e visitantes ressaltam a importância do evento “Queremos dar continuidade ao que está sendo feito. Percebemos que ao longo do tempo, cada vez mais a cidade cuida desta questão ambiental, através de inovações, onde Proamb e Fiema dão abertura para tecnologias, a fim de que a comunidade conheça essa questão ambiental”. Jonas Brevia, presidente da Fiema 2020.

Negócios, experiências e conhecimento marcaram a edição edição, Jones Favretto. Essa contribuição tende a gerar retornos positivos a longo prazo para a sociedade, uma vez que está diretamente ligada a disruptura de conceitos e paradigmas. “A Fiema Brasil 2018 foi uma feira de ideias. Cada participante foi impactado por uma série de novas informações, possibilidades e descobertas que vão se propagar de forma exponencial pela sociedade. Sua realização foi, mais uma vez, fundamental na missão empreendedora de consolidar o polo ambiental no Rio Grande do Sul. Esse legado é imensurável”, diz Neri Basso, presidente da Fundação Proamb, entidade promotora do encontro.

Durante os três dias de evento, a feira trouxe o desafio de inspirar novos negócios e ajudar aqueles já existentes a se beneficiarem por meio da gestão ambiental. Foram diversas possibilidades relacionadas com a utilização de energias, tratamentos de efluentes, aproveitamento de recursos hídricos, destinação de resíduos sólidos e uma série de oportunidades em outras tantas áreas técnicas. Ao estimular o contato com novos conceitos e tecnologias, a feira colocou-se na condição proativa de gerar novas oportunidades de negócios e desenvolvimento. A Fiema Brasil tem sua nona edição confirmada para ocorrer em 2020, de 14 a 16 de abril.

“Para nós foi uma grata surpresa. É o primeiro ano que participamos da Fiema e a recepção do pessoal foi muito grande. Tivemos uma visitação bem interessante. Pretendemos retornar em 2020”. Julio Cesar Gil, expositor. “Tivemos envolvimento com pessoas de outros estados, através das palestras sobre desenvolvimento sustentável e outros parâmetros ligados à educação ambiental que foram apresentados aqui. Além disso, a Fiema ofereceu oportunidades não só a mim e aos demais estudantes, em apresentar nossos trabalhos”. Gilberto Mendes, estudante, Belo Horizonte - MG. “A Fiema deu a oportunidade de levarmos o conhecimento da área acadêmica para a sociedade, porque essa nova consciência ecológica/ambiental tem sido muito forte nos últimos 10 anos, porém, não consegue atingir todas as áreas. Então, é possível levar muita tecnologia daqui para fora”. Kathia Bezerra, estudante, Recife - PE. “É muito interessante ver na Fiema o envolvimento das empresas privadas com o lançamento de novos produtos que colocam em prática essas ideias de sustentabilidade”. Anelise Martins, estudante, Recife - PE.

Multimóveis implantará projeto de energia fotovoltaica A Fiema Brasil 2018 promoveu além de palestras e debates, novos negócios na área da gestão ambiental. Em um ato que contou com a presença do governador do Estado, José Ivo Sartori, a fabricante de móveis Multimóveis e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) assinaram protocolo de financiamento para um projeto de implantação de energia fotovoltaica no valor de R$ 8 milhões. O convênio foi estabelecido na terça-feira, 10, primeiro dia da Fiema Brasil. Os recursos são oriundos do acordo de cooperação financeira assinado entre a Agên-

cia Francesa de Desenvolvimento (AFD) e o BRDE, com três anos de carência e outros 10 anos para serem quitados. O acordo simboliza um grande passo para a empresa aprimorar sua gestão ambiental, na busca por energias mais limpas e renováveis, a fim de oferecer ganhos não só à produção da empresa, mas também ao meio ambiente. “Já começamos os estudos que vão contemplar a melhor forma de viabilidade energética, buscando dentro da sustentabilidade mais eficiência e mais economia”, disse a diretora da Multimóveis, Mariste-

la Cusin Longhi. Para o gerente da região da Serra do BRDE, José Rafael Wojtowicz, a linha de financiamento é um estímulo para que as empresas sejam cada vez mais socialmente responsáveis. “O retorno do investimento se dá em cinco ou seis anos. Os equipamentos têm vida útil de mais de 20, 25 anos, então há um bom período para desfrutar de grande economia”, avaliou Wojtowicz. Ao todo, o acordo entre AFD e BRDE disponibiliza R$ 220 milhões para serem aplicados em projetos de sustentabilidade no sul do país.

Momento da assinatura do protocolo de financiamento


22

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

BERTOLINI S. A.

CNPJ. 87556650/0001-04 – NIRE 43300040518 BENTO GONÇALVES – RS

RELATÓRIO DA DIRETORIA

Prezados Senhores Acionistas: Atendendo disposições legais e estatutárias, submetemos à sua apreciação as Demonstrações Contábeis Consolidadas relativas aos exercícios sociais encerrados em 31/12/2017 e 31/12/2016. Estamos à sua inteira disposição para quaisquer informações e esclarecimentos que, eventualmente, se fizerem necessários. Bento Gonçalves, RS, 10 de abril de 2018. A DIRETORIA.

DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2017 E 31 DE DEZEMBRO DE 2016 (Valores expressos em Reais) DEMONSTRAÇÃO DAS MUTAÇÕES DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO DEMONSTRAÇÃO DO BALANÇO PATRIMONIAL Reservas Ajuste ATIVO Capital Social Ajustes Aval. Controladora 2017 2016

Circulante 27.769.906,95 Disponível 17.396,67 Caixa e Equivalentes de Caixa (NE. IV) 17.396,67 Direitos Realizáveis 27.711.189,31 Duplicatas a Receber (NE. V) 24.017.309,97 Cheques a Receber 216.921,33 Locatário a Receber 159.840,00 Devedores Diversos (NE. VI) 1.468.367,18 Adiantamento de Viagem 0,00 Adiantamento a Empregados (NE. VII) 136.140,70 Empréstimos 70,00 Adiantamento a Fornecedores 923.828,38 Impostos a Recuperar (NE. VIII) 788.711,75 Estoques 7.013,21 Estoques (NE. IX) 7.013,21 Despesas Exercícios Seguintes 34.307,76 Não Circulante 206.616.428,74 Realizável A Longo Prazo 876.605,17 Depós.Judiciais-Causa Trabalhista (NE.X) 565.875,93 Aplicações Financeiras 88.904,47 Impostos a Recuperar 0,00 Incentivos Fiscais a Realizar 0,00 Caução Alugueis / Telefones 0,00 Devedores Diversos 221.824,77 Investimentos 117.176.306,27 Outras Participações 68.566,61 Partic.Coligadas/Control.Nacion.(NE.XI) 115.017.897,66 Particip.Coligadas/Control.Estrangeiras 513.586,59 Outros Investimentos 1.576.255,41 Imobilizado 87.815.564,38 Intangível 747.952,92 TOTAL DO ATIVO 234.386.335,69

29.866.877,56 25.424,44 25.424,44 29.820.787,67 19.501.229,48 216.921,33 184.500,00 802.059,26 0,00 143.033,03 0,00 8.153.392,52 819.652,05 9.546,23 9.546,23 11.119,22 211.862.785,96 480.374,44 384.250,42 96.124,02 0,00 0,00 0,00 0,00 121.292.480,23 68.566,61 118.406.425,82 1.241.232,39 1.576.255,41 89.450.474,34 639.456,95 241.729.663,52

Consolidado 2017 2016

124.250.141,28 1.624.745,05 1.624.745,05 85.774.271,66 70.550.782,10 1.261.533,79 0,00 2.667.174,38 46.686,70 1.192.454,54 986,75 2.680.891,62 7.373.761,78 36.172.414,01 36.172.414,01 678.710,56 245.208.677,34 1.598.470,34 1.182.465,99 88.904,47 43.059,61 26.595,30 35.620,20 221.824,77 2.017.502,77 68.566,61 0,00 0,00 1.948.936,16 240.528.022,58 1.064.681,65 369.458.818,62

117.341.649,91 2.173.853,38 2.173.853,38 77.388.496,74 63.645.145,45 1.056.765,15 0,00 2.111.308,59 41.676,59 761.145,04 495,58 978.981,97 8.792.978,37 37.130.178,90 37.130.178,90 649.120,89 253.339.751,77 1.197.521,10 666.882,01 96.124,02 362.753,89 26.595,30 45.165,88 0,00 2.017.398,83 68.566,61 0,00 0,00 1.948.832,22 249.103.419,60 1.021.412,24 370.681.401,68

Saldo 31/12/2016 Lucro/Prejuízo Líq. Exercício Reserv. Capital Saldo 31/12/2017

Patrimonial 140.000.000,00 53.421.735,57

Lucros/ Total Res. Legal Res.Lucros Incent.Fiscais Res. Capital Exerc. Ant. Prej.Acumul. 9.020.024,41 0,00 2.004.243,00 0,00 0,00 -44.641.377,27 159.804.625,71

0,00 0,00 0,00 0,00 140.000.000,00 53.421.735,57

0,00 0,00 9.020.024,41

0,00 0,00 0,00

0,00 0,00 0,00 16.089.491,64 2.004.243,00 16.089.491,64

0,00 -11.811.107,75 -11.811.107,75 0,00 0,00 0,00 0,00 -56.452.485,02 164.083.009,60

como passivos circulantes. g) Empréstimos e financiamentos: Inicialmente Nota VIII - Impostos e Contrib. a Recuperar: Controladora reconhecidos pelo valor da transação e subsequentemente demonstrados pelo Composição Ativo Circ. 31/12/2017 Ativo Circ. 31/12/2016 custo amortizado. As despesas com juros, despesas, financeiras, são IPI 282,86 0,00 reconhecidas com base no método de taxa de juros efetiva ao longo do prazo REINTEGRA 0,00 18.350,30 da operação. h) Demais ativos, passivos e não circulantes: Um ativo é ICMS 235.920,48 260.487,67 reconhecido no balanço quando for provável que seus benefícios econômicos PIS 10.432,50 10.391,55 futuros serão gerados em favor da Companhia e seu custo ou valor puder ser COFINS 48.150,03 47.961,03 mensurado com segurança. Um passivo é reconhecido no balanço quando a IRPJ 289.834,49 290.222,89 Companhia possui uma obrigação legal ou constituída como resultado de um CONTRIBUIÇÃO SOCIAL 192.474,39 192.238,61 evento passado, sendo provável que um recurso econômico seja requerido para PERT - Adiantamento 11.617,00 0,00 liquidá-lo no futuro. As provisões são registradas tendo como base as melhores Total 788.711,75 819.652,05 estimativas do risco envolvido. i) Reconhecimento da receita: A receita de Consolidado vendas é apresentada líquida dos impostos incidentes, devoluções, descontos e Composição Ativo Circ. 31/12/2017 Ativo Circ.31/12/2016 abatimentos concedidos, sendo reconhecida na extensão em que for provável 284.474,14 349.255,76 que benefícios econômicos serão gerados e fruirão para a Companhia. j) IPI 0,00 18.350,30 Apuração do Resultado: O resultado é apurado pelo regime de competência REINTEGRA ICMS 3.545.139,82 4.046.784,79 de exercícios. k) Provisões para riscos contingentes: Não foram constituídas 353.115,07 516.150,42 provisões para eventuais contingências referentes a processos de natureza PIS 1.622.062,22 2.374.157,68 cíveis e trabalhistas, os quais na avaliação da administração oferecem remota COFINS 544.850,73 470.518,76 possibilidade de perda. Nota IV-Caixa e equivalentes de caixa: Controladora IRPJ INSS 187.059,66 129.148,54 Composição 31/12/2017 31/12/2016 CONTRIBUIÇÃO SOCIAL 403.557,84 288.889,87 Dinheiro em Caixa 14.881,10 3.677,05 PERT - Adiantamento 377.685,93 0,00 Depósitos bancários em conta corrente 2.515,57 21.145,81 IMPOSTOS EXTERIOR 55.816,37 599.722,25 Aplicações Financeiras de liquidez imediata 0,00 601,58 Total 7.373.761,78 8.792.978,37 Total 17.396,67 25.424,44 Nota IX - Estoques: O saldo em 31 de dezembro de 2017 da Controladora é Consolidado de R$ 7.013,21, tendo sido reconhecido como custo R$ 112.238,53 no Composição 31/12/2017 31/12/2016 resultado do exercício, não existe ônus ou gravames sobre esses saldos de PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO Dinheiro em Caixa 35.570,60 31.035,48 estoques. Controladora Controladora Consolidado Depósitos bancários em conta corrente 1.247.190,17 976.713,54 Descrição 31/12/2017 31/12/2016 Aplicações Financeiras de liquidez imediata 341.984,28 1.166.104,36 2017 2016 2017 2016 Material de Consumo 7.013,21 9.546,23 1.624.745,05 2.173.853,38 Totalizador Circulante 55.676.444,95 58.816.465,47 159.315.051,02 127.403.616,11 Total 7.013,21 9.546,23 Fornecedores (NE. XIV) 85.419,23 33.125,62 25.809.728,54 12.457.315,97 Nota V - Contas a receber de clientes: Estão representadas por clientes no Consolidado Empréstimos/Financiamento (NE. XV) 18.171.640,70 15.950.822,96 67.738.551,00 60.262.310,28 mercado interno e externo, não tendo sido constituída provisão para créditos de Descrição 31/12/2017 31/12/2016 Credores Diversos 1.424.184,75 676.670,84 3.809.586,61 4.696.740,96 liquidação duvidosa, em virtude de inexistência de expectativa de perdas sobre 35.689,05 53.160,47 Obrigações Tributárias 1.794.458,88 635.362,75 12.358.470,42 6.388.109,92 os valores a receber. Nota VI - Devedores Diversos: Está representado Material de Consumo 545.731,71 786.060,03 Obrigações Previdenciárias 829.997,17 615.026,30 3.502.749,46 3.129.573,28 substancialmente pelo rateio de despesas junto a empresas do Grupo Bertolini, Material p/Comercialização Produto Pronto 2.499.493,99 2.906.815,16 Obrigações com Pessoal 262.330,00 266.958,68 1.342.893,71 963.877,25 registrados pelos valores originais e classificados de acordo com o prazo e 14.461.503,91 14.664.561,71 Provisão de Férias e Encargos 906.358,15 775.066,53 4.214.056,42 3.414.723,50 expectativa de recebimento. Nota VII - Adiantamentos: Referem-se a Produto Semi Elaborado 18.244.574,72 18.330.126,99 Outras Provisões 0,00 0,00 233.110,45 240.690,46 adiantamentos operacionais a fornecedores, viagens, salários e férias de Matéria Prima 254.148,86 244.883,88 Adiantamento de Clientes 8.783.618,54 17.761.076,46 16.642.725,83 11.441.852,69 funcionários, e estão demonstrados pelo valor original do adiantamento. Nota Material Consumo Industrial Material de Segurança 110.449,71 117.168,36 Sócios Conta Distribuição de Lucros 23.418.437,53 22.102.355,33 23.448.490,27 22.133.542,70 XIII - Intangível: a) Composição e Movimentação sumária do Intangível Combustíveis 20.822,06 27.402,30 Receitas Antecipadas 0,00 0,00 214.688,31 2.274.879,10 Controladora Software e Aplicativos Marcas e Patentes Totalizador 36.172.414,01 37.130.178,90 Não Circulante 14.626.881,14 23.108.572,34 62.150.249,64 83.473.159,86 Saldo em 31/12/2016 560.599,18 78.857,77 Empréstimos/Financiamentos (NE.XV) 13.268.758,95 22.918.977,61 52.115.949,21 80.079.737,94 Adições 210.950,15 34.022,98 Nota X - Realizável a Longo Prazo: Representado pela soma dos saldos de Obrigações Tributárias 754.714,61 189.594,73 7.632.593,93 3.383.284,29 Amortização (20%) -134.300,37 -2.176,79 aplicações financeiras no valor de R$ 88.904,47, dos depósitos judiciais de Obrigações Previdenciárias 603.407,58 0,00 2.401.706,50 0,00 Saldo em 31/12/2017 637.248,96 110.703,96 R$ 565.875.93 e dos devedores diversos em R$ 221.824,77. Provisões Diversas 0,00 0,00 0,00 10.137,63 Consolidado Patrimônio Líquido 164.083.009,60 159.804.625,71 147.993.517,96 159.804.625,71 Nota XIV - Fornecedores: São obrigações a pagar por bens ou serviços que Software e Aplicativos Marcas e Patentes Capital Social (NE. XVI) 140.000.000,00 140.000.000,00 140.000.000,00 140.000.000,00 940.874,47 80.537,77 foram adquiridos no curso normal dos negócios, sendo classificados cfe.o Reservas 80.535.494,62 64.446.002,98 64.446.002,98 66.489.186,65 Saldo em 31/12/2016 prazo de vencimento, correspondendo somente a fornecedores do mercado Saldo em 31/12/2017 945.690,94 118.990,71 Reservas 27.113.759,05 11.024.267,41 11.024.267,41 13.100.264,73 Ajustes de Avaliação Patrimonial 53.421.735,57 53.421.735,57 53.421.735,57 53.388.921,92 Nota XIX - Seguros: Os valores dos bens segurados são determinados e interno. Nota XX - Ajuste a valor presente: Não foram identificados itens controlados em bases técnicas que se estimam suficientes para cobertura de Lucros ou Prejuízos Acumulados -56.452.485,02 -44.641.377,27 -56.452.485,02 -46.684.560,94 Lucros/Prejuízos Acumulados -56.452.485,02 -44.641.377,27 -56.452.485,02 -46.684.560,94 eventuais perdas decorrentes de sinistros. As premissas de riscos adotadas componentes de curto e longo prazo da Companhia passíveis de ajuste a valor presente. não foram examinadas pelos nossos auditores. TOTAL PASSIVO E PAT. LIQUIDO 234.386.335,69 241.729.663,52 369.458.818,62 370.681.401,68 Nota XI - Investimento: Controladora DEMONSTRAÇÕES DO RESULTADO DO EXERCÍCIO Participação Bertolini Sistemas Bertolini EvviberPPPPPPPPPPPPPPPPPPPP Ind. Usber Ind., Logber Log. Evviva Bertolini Coligadas/Controladas de Armazenagem Móveis de Aço De Móveis Com. e Serv. e Transp. De Móveis Planej. Total Controladora Consolidado Nacionais S.A. S.A. Ltda Met. Ltda Cargas Ltda Ltda 2017 2016 2017 2016 63.285.860,86 24.401.625,68 8.479.120,98 11.612.910,16 8.473.207,81 2.153.700,33 118.406.425,82 (=) Receita Operac. Líquida (NE. XVII) 18.738.268,20 20.604.002,95 250.101.538,43 231.414.877,72 Saldo em 31/12/2016 0,00 19.998.000,00 0,00 0,00 0,00 0,00 19.998.000,00 (-) Custos Prod./Mercad. Vendidas -112.238,53 -1.914.981,27 -166.640.750,25 -156.237.073,76 Integralização de Capital 0,00 -19.910.508,36 0,00 0,00 0,00 0,00 -19.910.508,36 (=) Resultado Operacional Bruto 18.626.029,67 18.689.021,68 83.460.788,18 75.177.803,96 Baixas e Vendas 8.667.605,50 0,00 0,00 0,00 1.059.141,27 0,00 9.726.746,77 (-) Desp.(Receitas) Operacionais -22.003.182,96 -30.254.079,31 -74.418.233,40 -67.844.413,24 Equivalência Patrim. Positiva 0,00 -10.290.692,04 -2.139.984,27 -771.981,00 0,00 -109,26 -13.202.766,57 (-) Despesas Comerciais 0,00 0,00 -55.670.877,04 -51.699.084,66 (-) Equival. Patrim. Negativa 71.953.466,36 14.198.425,28 6.339.136,71 10.840.929,16 9.532.349,08 2.153.591,07 115.017.897,66 (-) Despesas Administrativas -17.531.682,64 -18.000.389,55 -16.604.295,04 -21.032.901,81 Saldo em 31/12/2017 (-) Outras Despesas -14.462.602,37 -25.492.238,75 -3.624.602,54 -2.489.846,57 Consolidado (+) Outras Receitas 6.557,56 5.553.136,74 1.481.541,22 7.377.419,80 Participação Coligadas/Controladas Exterior BMA Muebles de Acero Bertolini Guatemala Total (+)Result.Positivo Equival. Patrimonial 9.984.544,49 7.685.412,25 0,00 0,00 Saldo em 31/12/2016 255.788,87 985.443,52 1.241.232,39 (=) Result.Antes das Rec./Desp.Financ. -3.377.153,29 -11.565.057,63 9.042.554,78 7.333.390,72 Baixas e Vendas 0,00 -813.540,14 -813.540,14 (-)Encargos Financ.Líquidos (NE.XVIII) -8.433.954,46 -10.122.773,90 -20.299.130,24 -23.242.164,93 Equivalência Patrimonial Positiva 257.797,72 257.797,72 (-) Despesas Financeiras -8.473.981,12 -10.796.676,05 -26.003.701,14 -28.801.292,02 (-) Equivalência Patrimonial Negativa 0,00 -171.903,38 -171.903,38 (+) Receitas Financeiras 40.026,66 673.902,15 5.704.570,90 5.559.127,09 Saldo em 31/12/2017 513.586,59 0,00 513.586,59 (=) Result. Antes Tributos s/o Lucro -11.811.107,75 -21.687.831,53 -11.256.575,46 -15.908.774,21 a) Composição e Movimentação sumária do Investimento: a.1) Representada pela participação no percentual de 99,99% nas empresas exceto na empresa (-) Provisão para Imposto de Renda 0,00 0,00 -323.693,39 -428.874,70 Bertolini Moveis de Aço S.A. a qual a participação é de 42,85%. (-) Contribuição Social 0,00 0,00 -250.386,82 -283.694,08 Nota XII - Imobilizado: a) Composição e Movimentação sumária do Imobilizado: Controladora (=) Result. Após Tributos s/ o Lucro -11.811.107,75 -21.687.831,53 -11.830.655,67 -16.621.342,99 Terrenos Imóv./Benfeit. Máq./Equipam Móv./Utensíl. Veículos Equip.Informát. Instalações Imob.Andam. (=) Resultado Líquido Do Exercício -11.811.107,75 -21.687.831,53 -11.830.655,67 -16.621.342,99 Custo Imobiliz. Total % Depreciação 0% 4% 10% 10% 20% 20% 10% 0% DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA – MÉTODO INDIRETO Saldo 31/12/2016 35.517.102,21 49.133.142,88 3.425.717,44 369.882,24 89.764,45 223.773,68 581.694,49 109.396,95 89.450.474,34 Controladora Consolidado 267.352,22 Adições 0,00 0,01 214.967,38 19.699,83 0,00 20.080,00 12.605,00 0,00 2017 2016 2017 2016 -370.604,11 Baixas e Vendas 0,00 0,00 -359.801,10 0,00 0,00 -10.803,01 0,00 0,00 FLUXO DE CAIXA ATIVIDADES OPERACIONAIS -1.531.658,07 (-) Depreciações 0,00 -1.211.729,64 0,00 -72.434,98 -28.626,12 -100.597,55 -118.269,78 0,00 Lucro Líquido do Exercício -11.811.107,75 -21.687.831,53 -11.830.655,67 -16.621.342,99 Saldo 31/12/2017 35.517.102,21 47.921.413,25 3.280.883,72 317.147,09 61.138,33 132.453,12 476.029,71 109.396,95 87.815.564,38 Ajustado por: Depreciação e Amortização 1.676.950,09 2.568.081,50 12.946.359,31 13.522.012,58 Consolidado Custo do Imóveis e Máquinas e Móveis e Equipam.de Imobiliz.em Ganho e Perda na Venda de Imobilizado -8.814,86 -3.306.496,32 95.293,80 -3.134.041,82 Terrenos Veículos Instalações Juros s/ Empréstimos e Financiamentos 4.929.703,39 2.855.198,08 9.541.598,17 8.119.604,03 Imobilizado Benfeitorias Equipam. Utensílios Informática Andamento Total -5.213.269,13 -19.571.048,27 10.752.595,61 1.886.231,80 % Depreciação 0% 4% 10% 10% 20% 20% 10% 0% Variações nos Ativos e Passivos Saldo 31/12/2016 59.799.081,41 103.156.483,06 71.348.635,39 1.262.099,37 11.923.877,97 814.184,01 683.863,73 115.194,66 249.103.419,60 Aumento/Redução Contas a Receber -4.491.420,49 14.858.103,23 -7.110.405,29 -197.080,62 59.799.081,41 100.083.777,93 67.880.548,89 1.094.568,96 10.454.456,07 511.537,06 565.274,71 138.777,55 240.528.022,58 Aumento/Redução de Adiantamentos 7.236.456,47 -5.382.084,04 -2.138.229,26 1.344.648,11 Saldo 31/12/2017 Aumento/Red. Impostos a Recuperar 2.533,02 5.010,36 957.764,89 4.693.529,84 Nota XV - Empréstimos e Financiamentos: a) Composição dos Nota XVI - Patrimônio Líquido: a) Capital Social: O capital social é de R$ Aumento/Redução dos Estoques -23.188,54 0,00 -29.589,67 19.099.973,38 Empréstimos e Financiamentos: Controladora R$ 140.000.000,00 (cento e quarenta milhões de reais), dividido em Aumento/Red. Despesas Antecipadas 30.870,30 1.083.867,72 1.418.725,42 326.914,28 Passivo Circulante 140.000.000 ações ordinárias nominativas, no valor de R$ 1,00 (um real), Juros anuais 2017 2016 Aumento/Redução Deved.Diversos -888.132,69 30.188,75 -777.690,56 0,00 Capital de Giro CDI + 3% a 23,15% 11.578.395,71 12.396.256,53 estando este totalmente integralizado. b) Ajustes de Variações Aumento/Red. Ativos Não Circulantes -174.405,96 -158.511,62 -179.124,47 -15.411,72 Chq Esp.BB/Bradesco Patrimoniais: Refere-se à terreno e prédio. c) Prejuízos Acumulados: O Aumento/Redução de Fornecedores 52.293,61 -1.641.170,13 13.352.412,57 -2.843.997,28 /Itaú/Daycoval/Sofisa 2.165.706,64 0,00 resultado remanescente foi destinado para prejuízos acumulados, conforme Aumento/Red. Adiantam.de Clientes 945.041,39 -7.041,73 3.953.232,06 -193.366,99 Red - FDIC 1.855.662,31 920.689,24 determinado pela legislação societária 11.638/07. Nota XVII - Receita Líquida Aumento/Red. Obrigações Fiscais/Tribut. 1.724.216,01 1.260,17 10.219.670,14 459.867,54 Finame - Bco do Brasil 2,5 a 6% 2.152.649,76 2.181.238,41 de Vendas e Serviços: É composta por venda de seus produtos, mercadorias Aumento/Red.Obrig.Trabal. e Previdenc. -8.977.457,92 17.273.468,81 5.200.873,14 567.705,32 Finame - Bradesco 2,5 a 8% 414.137,10 414.137,10 e prestação de serviços, como segue: Aumento/Red. de Outras Exigibilidades 2.063.596,11 1.727.618,48 -1.639.977,58 286.331,09 Risco Sacado 31/12/2017 31/12/2016 0,00 38.501,68 Controladora – Descrição: -2.499.598,69 27.790.710,00 23.227.661,39 23.529.112,95 Leasing - IBM/HSBC/ Vendas Prod./Mercad. Merc. Interno 219.296,60 3.010.162,69 (=) Recursos Líquidos Provenientes Bradesco/Daycoval 5.089,18 0,00 Serviço de Gestão em Coligadas 19.247.400,00 19.223.840,00 das Atividades Operacionais -7.712.867,82 8.219.661,73 33.980.257,00 25.415.344,75 1.918.080,00 1.818.000,00 Total do Circulante 18.171.640,70 15.950.822,96 Serviços/Locação FLUXO CAIXA ATIVIDADES INVESTIMENTOS 21.384.776,60 24.052.002,69 Passivo Não Circul. Juros anuais 2017 2016 Total Receita Operacional Bruta Aquisição de Imobilizado -267.352,22 -2.260.646,73 -6.862.239,28 -15.232.696,04 Capital de Giro 43.959,90 -393,09 CDI + 3% a 23,15% 6.544.174,97 13.652.406,06 Vendas Canceladas/Devoluções Aquisição de Intangível -244.973,13 -208.329,88 -298.037,60 -349.980,46 2.602.548,50 -3.447.606,65 - Bco do Brasil 2,5 a 6% 5.869.670,85 8.037.749,92 Tributos Incid. s/Vendas/Serviços Investimentos em Coligadas 4.116.173,96 -17.633.599,78 -103,94 -17.633.599,78 Finame 2,5 a 8% 854.913,13 1.228.821,63 Total Deduções da Receita Bruta 2.646.508,40 -3.447.999,74 Venda do Imobilizado 370.604,11 17.997.591,50 2.448.689,57 23.896.041,44 Finame - Bradesco Total do Não Circulante 13.268.758,95 22.918.977,61 Total Rec. Líq. Vendas/Serviços 18.738.268,20 20.604.002,95 (=)Recurs. Líq. Proven.Ativid. Investim. 3.974.452,72 -2.104.984,89 -4.711.691,25 -9.320.234,84 Consolidado Consolidado – Descrição: 31/12/2017 31/12/2016 FLUXO CAIXA ATIVIDADES FINANCIAMENTOS Juros anuais 2017 2016 Vendas Prod./Mercad. Merc. Interno 262.833.098,18 238.784.904,09 (+)Integralização de Capital 0,00 0,00 0,00 34.000.000,00 Passivo Circulante CDI + 3% a 23,15% 37.560.860,76 37.313.948,17 Vendas Prod./Mercad.Merc. Externo 23.160.674,52 30.649.531,65 (+)Emprést./Financ.Tomados (-)Amortiz. -13.859.104,31 6.073.098,31 -31.317.674,08 -38.882.115,57 Capital de Giro Serviços/Locação 27.887.244,95 16.805.144,37 (+)Contratos Mútuo (-) Amortizações 1.500.000,00 0,00 1.500.000,00 0,00 Chq Esp.BB/Bradesco/ 6.419.619,04 0,00 Total Receita Operacional Bruta (+)Variações patrimoniais 16.089.491,64 -12.176.618,65 0,00 -14.693.659,60 Itaú/Daycoval/Sofisa 313.881.017,65 286.239.580,11 6.723.578,17 1.179.847,76 Vendas Canceladas/Devoluções (=)Recurs. Líq. Proven. Ativid. Financ. 3.730.387,33 -6.103.520,34 -29.817.674,08 -19.575.775,17 Red - FDIC 4.260.780,10 - 2.227.597,61 2,5 a 6% a.a. 6.204.745,00 9.430.248,37 Tributos Incid. s/Vendas/Serviços (=)Aum.(Red.) Caixa/Equival. Caixa Líq. -8.027,77 11.156,50 -549.108,33 -3.480.665,26 Finame - Bco do Brasil 59.518.699,12 -52.597.104,78 2,5 a 8% a.a. 2.694.714,24 8.490.475,16 Total Deduções da Receita Bruta Caixa/Equivalente de Caixa Início Período 25.424,44 14.267,94 2.173.853,38 5.654.518,64 Finame - Bradesco 63.779.479,22 -54.824.702,39 0,00 2.273.630,95 Caixa/Equivalente de Caixa Fim do Período 17.396,67 25.424,44 1.624.745,05 2.173.853,38 Finame - Santander Total Receita Líq.Vendas/Serviços 250.101.538,43 231.414.877,72 2,5 a 8% a.a. 562.500,00 562.500,00 Variação Ctas. Caixa/ Equivalente Caixa -8.027,77 11.156,50 -549.108,33 -3.480.665,26 Finame - Itaú Finem - Bradesco 2,5 a 8% a.a. 5.272.737,36 0,00 Nota XVIII - Resultado Financeiro: O resultado financeiro está apresentado Finem - Santander 2,5 a 8% a.a. 2.162.939,04 0,00 conforme segue: NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS INDIVIDUAIS E CONSOLIDADAS 31/12/2017 31/12/2016 BV Financeira 20,24% a.a. 12.800,00 0,00 Controladora Nota I – Contexto Operacional: A Bertolini S/A (“Companhia”), com sede em Bento Gonçalves/RS, foi Risco Sacado 40.026,66 673.902,25 0,00 880.055,14 Receitas Financeiras constituída em 17/03/1972, sob a natureza jurídica de sociedade anônima de capital fechado, cujas atividades Leasing – IBM/HSBC/ Despesas Financeiras -8.473.981,12 -10.796.676,05 compreendem a fabricação de móveis com predominância em metal, comércio atacadista de produtos Bradesco/Daycoval 31/12/2017 31/12/2016 17,34% a.a. 124.057,39 131.604,73 Consolidado siderúrgicos e metalúrgicos, compra e venda de imóveis próprios, aluguel de imóveis próprios, incorporação de 5.704.570,90 5.559.127,09 Total do Circulante 67.738.551,00 60.262.310,28 Receitas Financeiras empreendimentos imobiliários, loteamento de imóveis próprios e administração e gestão das sociedades que Despesas Financeiras -26.003.701,14 28.801.292,02 Passivo Não Juros anuais 2017 2016 compõem o grupo econômico Bertolini S/A, bem como os serviços envolvidos na operação. Nota II – Preparação Circulante Bento Gonçalves, RS, 31 de dezembro de 2017. e Apresentação das Demonstrações Contábeis Individuais e Consolidadas 2017 e 2016: Foram preparadas CDI + 3% a 23,15% 18.893.372,15 24.755.543,03 e estão sendo apresentadas em conformidade com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com observância Capital de Giro 2,5 a 6% a.a. 22.710.292,28 32.531.944,55 às disposições contidas na legislação societária brasileira, Lei 6.404/76, e suas posteriores alterações e com as Finame – Bco do Brasil DIRETORIA EXECUTIVA 2,5 a 8% a.a. 4.353.820,92 16.110.300,80 Normas Brasileiras de Contabilidade, vigentes em 31/12/2017. As demonstrações contábeis individuais e Finame – Bradesco 0,00 3.804.248,45 consolidadas são apresentadas em Reais, que é a moeda principal das operações e ambiente em que a Finame – Santander Antônio Bertolini – Diretor-Presidente 0,00 2.816.205,93 Companhia atua, e foram preparadas com base no custo histórico, exceto quando indicado de outra forma. Finame – Itaú 2,5 a 8% a.a. 4.285.022,46 0,00 Alcides Pasquali Filho – Diretor Foram aprovadas pela administração em 21/03/2018. Nota III – Principais práticas contábeis: As principais Finem – Bradesco 2,5 a 8% a.a. 1.633.548,28 0,00 práticas adotadas pela Companhia são: a) Caixa e equivalentes de caixa: Compreendem os saldos de dinheiro Finem – Santander Jéferson Faés Filho – Diretor 20,24% a.a. 20.266,65 0,00 em caixa, depósitos bancários à vista e aplicações financeiras, estando estas demonstradas ao custo, acrescido BV Financeira Leasing – IBM/HSBC/ dos rendimentos auferidos até a data do balanço patrimonial, sendo de liquidez imediata. b) Contas a receber Francisco Luís Bertolini Neto – Diretor 17,34% a.a. 219.626,47 46.097,87 de clientes: São registradas e mantidas pelo valor nominal dos títulos correspondentes. c) Estoques: Bradesco/Daycoval Demonstrados pelo custo médio das compras, líquido dos impostos recuperáveis quando aplicáveis, sendo Leasing - Banco 15.397,31 inferior aos valores de realização líquidos dos custos de venda. d) Imobilizado: Está demonstrado ao custo de Industrial Exterior CONTADOR Total do Não Circulante 52.115.949,21 80.079.737,94 aquisição ou construção, deduzido dos impostos recuperáveis, quando aplicável, e deduzido das respectivas depreciações calculadas pelo método linear, a taxas que levam em consideração o tempo de vida útil econômica a.1) Finem e Finame - A Controladora possui contratos com o Bradesco, Caixa Econômica Federal, NBC Bank – Novo Banco Continental S.A, Red. FDIC Diego Roso de Prá estimada dos bens, previstas na INs SRF 162/98 e 130/99. e) Intangível: É demonstrado ao custo de aquisição deduzido da amortização acumulada no período, apurada de forma linear. f) Fornecedores: Representam as Multisetorial LP e Banco do Brasil os quais tem por finalidade para capital de Contador – CRC RS-079839O/4 ADÍBER giro e atividade de investimentos. obrigações a pagar por bens ou serviços que foram adquiridos no curso normal dos negócios,sendo classificadas


23

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Supermercado Caitá

Bento Gonçalves terá a maior loja da rede A inauguração está prevista para o mês de maio; o anúncio é do proprietário que está acompanhando o término das obras LUCAS ARALDI

C

riar uma loja de grande porte na cidade, que seja referência na região, trazendo o que se encontra nos grandes centros em termos de serviços e produtos, aliando modernidade, diversidade e qualidade. Esta é a proposta do Supermercado Caitá, que se estabelece em Bento Gonçalves numa área construída de cerca de 20 mil m² tem inauguração prevista para o mês de maio. Nesta semana o proprietário da rede Caitá, Juliano Zandonai (39), visitou a obra e recebeu o Jornal Semanário para uma conversa onde falou sobre o investimento de cerca de R$ 35 milhões que está criando grandes expectativas no município. “Tivemos uma receptividade muito boa, onde tanto o Poder Público como a comunidade nos recebeu de braços abertos, demonstrando que a cidade quer esse investimento” comenta Juliano. Jornal Semanário – A família Zandonai tem uma história com o município? Juliano Zandonai - Já conhecia Bento Gonçalves e a construção desta unidade do Caitá é um fechamento de uma história, pois meu avô, Fioravante Zandonai, era daqui e saiu muito jovem do município. Agora estamos voltando e, inclusive, quero buscar as nossas raízes e descobrir um pouco mais da nossa história no município. JS - O que levou a rede Caitá investir em Bento Gonçalves? Zandonai – Um conjunto de fatores. Quando começamos a analisar a possibilidade de investimento no município, surgiu o local, que entendemos ser um eixo de movimentação com grande fluxo de pessoas que se deslocam de um lado ao outro da cidade, além do tamanho da área. Tivemos uma receptividade muito boa por parte da Prefeitura.

Obra de R$ 35 mi, abrigará o supermercado e mais 16 lojas em seu entorno, diz Juliano Zandonai Bento Gonçalves é uma cidade muito atrativa para investimentos e é uma das poucas com esse porte que ainda não tem uma loja dentro deste estilo em termos de tamanho, conforto e espaço. Acredito que a população vai entender a proposta e vai nos ajudar a viabilizar o nosso negócio. JS - O que o consumidor vai encontrar no Caitá Bento Gonçalves? Zandonai – Vai encontrar muito conforto, espaço, qualidade, preço muito competitivo. Vai encontrar uma empresa que se preocupa realmente em criar a melhor experiência para o consumidor, principalmente em termos de qualidade e produto. Vamos ter um foco forte nos perecíveis, como padaria, açougue e hortifruti, sem contar a variedade de produtos. Também estamos disponibilizando o espaço comercial, com 16 lojas no entorno, onde o cliente vai encontrar tudo o que preci-

Você pediu, a Flytop voltou!

sa num só local, como farmácia, lotérica, salão de beleza, área de alimentação, loja de presentes, enfim, uma gama de serviços para melhor atender o consumidor. Importante destacar que estaremos disponibilizando 320 vagas de estacionamento coberto, para melhor conforto de acesso a loja, que é toda climatizada criando um ambiente agradável e de conforto. Uma das nossas grandes preocupações é com a equipe de trabalho e garantimos que, neste quesito, o cliente vai ter o melhor atendimento, com muitas pessoas de Bento Gonçalves que tem esse foco de atender bem. Acredito que vai ser a melhor equipe da rede. Confesso que os catarinenses vão sentir inveja dessa loja. JS – São cerca de 250 empregos gerados diretamente. Qual o impacto econômico/social previsto para o município?

VI

Fl

AG

EN

S

yT op E

TU

RI

SM

O

Zandonai – Considero de um impacto relevante, que vai representar um crescimento significativo para o município desde a mão de obra empregada na construção até a contratação da equipe que vai trabalhar no supermercado e lojas que integram o espaço. Também é importante considerar, ainda, que vai atrair consumidores de outras cidades da região. JS - Fale um pouco sobre a história e trajetória da rede Caitá Zandonai – Nossa história começou há 20 anos, em Concórdia (SC) quando meu pai depois de 40 anos de trabalho na Sadia empreendeu e fundou o Supermercado Caitá. Hoje, a rede tem 6 lojas, contando com a de Bento Gonçalves, onde emprega cerca de mil colaboradores. E há a previsão de até 2019 construirmos mais uma loja em Concórdia. Bento Gonçalves é a loja modelo e a maior do grupo.

JS - Além da loja física, será disponibilizado o e-commerce para os moradores de Bento Gonçalves? Zandonai – Exato, estamos implantando essa novidade em Bento Gonçalves, onde as pessoas vão poder fazer suas compras pela internet, definindo, inclusive, o horário e local que querem receber suas compras, ou retirar na loja. O pagamento pode ser feito via cartão e os preços são os mesmos praticados na loja. Queremos oferecer soluções que facilitam o dia a dia dos consumidores. JS - A loja terá sistema embarcado inteligente (tecnologia embarcada)? Fale mais sobre esse investimento. Zandonai - Na loja de Bento Gonçalves o que há de tecnologia de ponta, estamos trabalhando para que tenha. Equipamentos, iluminação/ consumo de energia, tecnologia, qualidade, enfim o que existe de mais moderno no setor estamos trazendo para o município. É uma loja de padrão mundial, ou seja, se estivesse na Alemanha ou na Itália, seria considerada de alto padrão nestes países também. O Caitá é a terceira empresa no Brasil a instalar o autoatendimento, a cerca de um ano e meio, e este serviço também estará disponível em Bento Gonçalves. JS - Qual a expectativa para a inauguração no município? Zandonai - Queremos que a população de Bento Gonçalves tenha orgulho de ter uma loja do supermercado Caitá. E para a inauguração, além das surpresas, o consumidor pode se preparar para encontrar muitas ofertas e ter a melhor experiência em compras.

Com um sistema inovador para você efetuar reservas 100% on line Ligue 3055 4041

@voeflytop


24 CONSELHO DELIBERATIVO Convocação De acordo com o artigo 52, parágrafo 1º, convoco os senhores Membros do Conselho Deliberativo para uma reunião ordinária a realizar-se no dia 25 de abril de 2018, (quarta-feira) no Salão Gourmet localizado junto às piscinas, às 18:30 horas em primeira convocação com a presença de 2/3(dois terços) dos conselheiros e às 19:00 horas em segunda convocação, com qualquer número, com a seguinte ordem do dia: a) Examinar e votar o relatório das atividades e demonstrativos contábeis e financeiros de 2017. b) Outros assuntos.

Guifasa S/A Indústria e Comércio CNPJ 87.547.519/0001-72 - NIRE 43 3 0001677 3

Convocação - Assembleia Geral Ordinária. Na forma do que dispõe o art. 124 da Lei nº 6.404/76, comunicamos que realizar-se-á no dia 19 de abril de 2018, às 9 horas, em primeira chamada, contando com a presença de pelo menos 2/3 (dois terços) dos acionistas com direito a voto, ou às 10 horas, em segunda chamada, com qualquer quórum, na sede social da companhia localizada na Rua Guilherme Fasolo, n° 610, na cidade de Bento Gonçalves, Estado do Rio Grande do Sul, Assembleia Geral Ordinária para deliberar sobre a seguinte ordem do dia: a) Tomar as Contas dos Administradores, bem como deliberar sobre as Demonstrações Financeiras relativas ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2017; b) Aprovar o resultado do exercício, bem como sua destinação, na forma das demonstrações financeiras; c) Eleger os membros da administração da Companhia. Bento Gonçalves, 11 de abril de 2018. Francisco Renan Oronoz Proença - Presidente.

Os documentos que serão apresentados na Ordem do Dia estão à disposição na secretaria do clube. Bento Gonçalves, 14 de abril de 2018. Irajá V. Vasseur Presidente Do Conselho Deliberativo

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

PODER JUDICIÁRIO Edital de CITAÇÃO – EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL 2ª Vara Cível – Comarca de Bento Gonçalves. Prazo de: 20 (vinte) dias. Natureza: Execução de Título Extrajudicial. Processo: 005/1.09.0003571-3 (CNJ:.003571180.2009.8.21.0005). Exequente: Coop. De Cr. De Livre Adm. De Assoc. de Carlos Barbosa SICREDI SERRANA. Executado: Almandia Lopes da Silva. Objeto: CITAÇÃO da executada Almandia Lopes da Silva, CPF 593.769.960-20, neste nominada, acerca da presente Execução de Título Extrajudicial, e para que no PRAZO DE TRÊS (03) DIAS, efetue o pagamento do débito, no valor de R$ 7.348,24 (cálculo de 19/07/2016 – passível de atualização), e demais cominações legais, ficando ciente (s) de que havendo o pagamento integral no prazo legal, a verba honorária arbitrada será reduzida pela metade. Poderá a executada oferecer EMBARGOS no prazo legal de QUINZE (15) DIAS, contados do término do prazo do presente edital. No prazo dos embargos, reconhecendo a executada o crédito do exequente e comprovando o depósito de no mínimo 30% (trinta por cento) do valor exequendo, inclusive, custas processuais e honorários advocatícios, poderá a executada também requerer seja admitido a pagar o restante em até SEIS (6) parcelas mensais, acrescidas de correção monetária e juros de 1% (um por cento) ao mês. A parte executada fica advertida de que, no caso de revelia, será nomeado curador especial (art.257, IV, do NCPC). Bento Gonçalves, 16 de fevereiro de 2018. SERVIDOR: Fernanda Paula Sangali, Escrivã Judicial. JUIZ: Carina Paula Chini Falcão.

SINDICATO DAS EMPRESAS DE TRANSPORTES DE CARGAS E LOGÍSTICA DE BENTO GONÇALVES E REGIÃO EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLÉIA GERAL ORDINÁRIA

CNPJ 87.557.708/0001-26

Assembléia Geral Ordinária Convocação De acordo com o artigo 38 dos Estatutos Sociais, convoco os senhores associados para a Assembléia Geral Ordinária a realizar-se no dia 25 de abril de 2018, no Salão Gourmet localizado junto as piscinas, às 19:30 horas com a presença de 2/3(dois terços) de seus associados e às 20:00 horas em segunda convocação com a presença de qualquer número de associados com direito a voto, com a seguinte ordem do dia: a) Eleger e empossar os membros do Conselho Deliberativo para o biênio 2018/2020. b) Apreciar o Relatório das atividades e demonstrativos Contábeis e Financeiros do ano de 2017, cujos documentos estão à disposição dos associados na secretaria do clube. Para fins de quorum, nesta data o clube tem registrado 1074 associados. d) Outros assuntos. As chapas com os nomes dos associados que farão parte do novo Conselho Deliberativo deverão ser entregues na secretaria do clube até 72(setenta e duas) horas antes da eleição. Bento Gonçalves, 14 de abril de 2018. Vanius João Ferrari Presidente

EXCELENTE LEILÃO DE 150 VEÍCULOS DIAS: LOCAL: CIDADE:

30 DE ABRIL DE 2018 - 1º LEILÃO. 11 DE MAIO DE 2018 - 2º LEILÃO - SEMPRE ÀS 9:30 HORAS RUA FRANCISCO MENEGHETTI, Nº 130, CENTRO GARIBALDI – RS.

SERÃO VENDIDOS NO LOCAL, HORÁRIO E NOS DIAS SUPRAMENCIONADOS 150 VEÍCULOS, SENDO 33 EM CONDIÇÕES DE RODAR E 117 PARA DESMANCHE (DESMONTE). VEÍCULOS EM CONDIÇÕES DE RODAR: placas JPU-7909, IFY-3866, ILY-9222, IJE-3124, IJA-7574 e IEU-2399, IMA-3255, IMO-3358 e IMG-8919, IEV-7798, JNZ-2397, IEV7680, IEV-4046, IES-7952, IGK-8776, CIT-6271, JNZ-2426, IFO-9425, IHK-0136, ICQ-0795, IEW-5596, INK-5082, IEV-7267, IEV-7673, IEV-6758, IEV-5341, IFF-4445, IFS-4449, IEW5509, IDK-7830, IEV-7787, IFG-5087 e IFW-7987. VEÍCULOS A SEREM VENDIDOS SOMENTE PARA DESMANCHE (DESMONTE): Placas IBX-2574, IKG-2006, IJL-7526, IJC-9796, IJU-8976, IFV-1182, IFE-2682, IJK-5266, IJU8966, IJL-7530, IMU-6429, IBV-6357, IES-7981, IHV-7226, IJK-5243, IJR-1179, IJR-1183, IFA3435, IFA-9777, IHO-6826, IJC-9725, IJV-4543, IKL-2339, IET-1065, IKF-3015, IEU-8962, IEV8855, IEW-5607, IIP-2707, IKG-1845, IJC-9787, IJL-7529, IKG-1808, IMR-8395, IEU-4972, IFX4246, IER-9561, IFC-4976, IFD-4575, IFJ-3868, IFK-4652, ICC-7635, IFK-7692, IEV-5345, IFD4124, IEW-5467, IFG-5082, IIC-2884, IEV-6804, IFM-0751, IIQ-2879, IFH-4491, IFL-2614, IFL8500, IFB-2052, IFK-4035, IEW-8378, IFG-1293, IFH-4842, IEO-8079, IFJ-0190, IFK-1762, IEW9585, IFC-9500, IFE-3703, IJI-4003, IES-7958, IFG-4577, IFK-4597, IEU-2301, IFA-7682, IFD4576, IFF-1525, IJI-3698, IES-9346, IER-9411, IFF-5515, IJS-9807, ICG-6790, IDE-0118, IFF5525, IEY-5457, IFH-4458, IER-9390, IEV-7678, IEV-8914, IFA-1190 e DFR-396, IDU-6641, IDT9881, IMU-3451, IMY-6371, IBZ-8029, IFC-5656, IFZ-884, IKY-4700, IIO-4140, III-5990, IME-2923, ILH-4380, IMB-0075, ICO-5215, IFQ-0305, IHE-7555, IFH-0228, INO-5157, IBY-6534, IFT-6914, IMA-7142, IEZ-3030, IFQ-3321, IEQ-5568, IDS-6409, IMG-8709, um trator de pneus equipado com guincho hidráulico e quatro baús para veículos. Avaliação total dos bens é de R$ 652.500,00. Mais informações: C/Leiloeiro Lunelli – Fones 54-3452-5591, 99974-2534, 99987-8966 e 99917-3802 ou no site www.leiloeirolunelli.com.br

O Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas e Logística de Bento Gonçalves e Região, CNPJ n° 89.435.416/0001- 46, representado pelo Senhor Presidente abaixo assinado, convoca seus associados para Assembleia Geral Ordinária, a realizar-se no dia 20 de abril de 2018, na sede do SINDIBENTO, na Rua Avelino Luiz Zat, 95, Bairro Fenavinho, na cidade de Bento Gonçalves – RS, às nove horas em primeira convocação com mais da metade dos associados, ou às nove horas e quinze minutos em segunda convocação com qualquer número, com a seguinte ORDEM DO DIA: - Prestação de contas relativo ao exercício encerrado em 31 de dezembro de 2017, com parecer do Conselho Fiscal. - Confirmação da Proposta Orçamentária para o exercício de 2018. - Outros assuntos de interesse da entidade. Bento Gonçalves, 13 de abril de 2018. Cleimar Sfredo Presidente

SINDICATO DAS EMPRESAS DE TRANSPORTES DE CARGAS E LOGÍSTICA DE BENTO GONÇALVES E REGIÃO ELEIÇÕES SINDICAIS EDITAL DE CONVOCAÇÃO Pelo presente Edital, faço saber que no dia 30 de maio de 2018 no período das 8h às 11h30min e das 13h às 16h, na sede desta entidade, sito à Rua Avelino Luiz Zat, 95 – Fenavinho, Bento Gonçalves, RS, será realizada a eleição para composição da Diretoria, Conselho Fiscal e os suplentes do Conselho Fiscal, ficando aberto o prazo de 15 (quinze) dias para registro das chapas, que ocorrerá a contar da data de publicação do aviso resumido deste Edital. O requerimento acompanhado de todos os documentos exigidos para o registro será dirigido ao Presidente da Entidade, podendo ser assinado por qualquer um dos candidatos componentes da chapa. A secretaria da entidade funcionará, no período destinado ao registro das chapas no horário das 7h30min às 11h30min, onde se encontrará à disposição dos interessados, pessoa habilitada para entendimento, prestação de informações concernentes ao processo eleitoral, recebimento da documentação e fornecimento do correspondente recibo. A impugnação da candidatura deverá ser feita no prazo de 3(três) dias a contar da publicação da relação de chapas registradas. Caso não seja obtido quórum em primeira convocação, a eleição, em segunda convocação, será realizada no dia 06 de junho de 2018, na sede desta entidade, no mesmo horário. Bento Gonçalves, 13 de abril de 2018. Cleimar Sfredo Presidente

CLUBE DE CAÇA E PESCA SANTO HUBERTO

EDITAL DE CONVOCAÇÃO O Presidente da Diretoria Colegiada do Clube de Caça e Pesca Santo Huberto, Sr. Dirceu Bertarello, convoca todos os associados quites com a Tesouraria, para participarem da Assembleia Geral Ordinária, conforme Estatutos do Clube no Capítulo IX do Artigo 14º , Parágrafo único, que será realizada no dia 24 de abril de 2018, nas dependências do Deck do Lago da Sede Campestre do Clube, no horário das 18:30hrs em 1ª Convocação, com no mínimo 1/3 dos associados e , às 19:00hrs , em 2ª Convocação, com qualquer número de associados, conforme edital publicado no Jornal Semanário de 14/04/2018, com a seguinte Ordem do dia: 1ª) Prestação de contas com Apresentação e Apreciação dos Relatórios Financeiros e de Atividades correspondentes ao Exercício de 01/04/2017 a 31/03/2018, bem como o Parecer do Conselho Fiscal. 2ª) Outros assuntos de interesse geral.

Cordialmente Dirceu Bertarello Presidente


OBITUÁRIO 25

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Falecimentos

CONVITE PARA MISSA DE 1º ANO DE FALECIMENTO

José Carlos Caregnato “Caxias”

HOMENAGEM E CONVITE PARA MISSA DE 3º ANO DE FALECIMENTO

Leri Tonato *15/01/1958 +13/04/2015

*05/10/1949 +19/04/2017

THERESA FERRARI TUMELERO no dia 04 de abril de 2018. PINTO BANDEIRA, RS, era filha de Angelo Ferrari e de Rosa Parisotto e tinha 83 anos VALDIR GONÇALVES SEVERO no dia 06 de abril de 2018. Natural de ALEGRETE, RS, era filho de João Alcir Severo e de Celanira Gonçalves Machado e tinha 68 anos. AVELINO MENONCIN no dia 07 de abril de 2018. Natural BENTO GONÇALVES, RS, era filho de Ricardo Matheus Menoncin e de Justina Massarollo Menoncin e tinha 80 anos. LEDA LOURDES SCARTON TRAMONTINI no dia 7 de abril de 2018. Natural de ANTA GORDA, RS, era filha de Alfredo Scarton e de Carmelina Tedesco e tinha 89 anos. ANNA MAZZO no dia 7 de abril de 2018. Natural de IRAÍ, RS, era filha de Julia Mazzo e tinha 78 anos. LUIZA TOMÉ FILIPPI no dia 7 de abril de 2018. Natural de GUAPORÉ, RS, era filha de Victorio Fillipi Tomé e Italia Massaro e tinha 102 anos. DIENIFER MARTINS MARQUES no dia 8 de abril de 2018. Natural de SANTIAGO, RS, era filha de Gélson Maciel Marques e de Marli Terezinha Danelli Martins tinha 18 anos. EVA COSTA DIAS no dia 10 de abril de 2018. Natural de BENTO GONÇALVES, RS, era filha de Antonio Costa e de Adelis Rodrigues tinha 63 anos. EDVINO DUPONT no dia 10 de abril de 2018. Natural de SÃO SEBASTIÃO DO CAÍ, RS, era filho de Marcelino Dupont e de Angelina Frachini e tinha 92 anos.

“Já se passou um ano e ainda te esperamos chegar. Não conseguimos nos acostumar com a tua ausência, a falta que você nos faz é imensa, mas nada é maior que o nosso amor por ti. Por isso temos a certeza que estarás sempre conosco. Te amamos muito.” Os familiares convidam para missa que será celebrada no dia 18 de abril de 2018, às 18h, na Igreja Matriz Cristo Rei.

Este espaço é direcionado para você deixar a sua mensagem ao seu ente querido. Uma maneira singela de expressar a sua saudade e prestar os seus sentimentos. 3455-4518

“Aqueles que amamos nunca morrem, apenas partem antes de nós” Amado Nervo

“Quando Deus leva alguém que amamos muito, assume um compromisso ainda maior de estar sempre nos guiando, consolando e protegendo. Foi isso que nos deu força e coragem para enfrentar esse ano sem a tua querida presença, sem tua alegria e sem teu imenso amor. Ainda verás lágrimas de saudades, pois é difícil estar longe de ti. O que nos faz viver é a esperança de que um dia estaremos todos juntos ao lado do Pai, felizes por toda eternidade.” Os familiares convidam para missa que será celebrada no dia 14 de abril de 2018, às 18hs, na Igreja Matriz Cristo Rei.

EDVINO DUPONT ( Serrador de lenha ), nasceu no dia 04 de setembro de 1925, na cidade de São Sebastião do Caí, e faleceu no dia 10 de abril de 2018, aos 92 anos de idade, em Bento Gonçalves. Filho de Marcelino Dupont (em memória) e Angelina Dupont (em memória), foi casado com Maria Milani Dupont, com quem teve os filhos: Valmor e Otávio (em memória), a nora Josi e as netas: Bruna e Lais. “Tua imagem alegre, teu espírito de luta e exemplo de trabalho, honra e honestidade, estarão sempre conosco. Sentimos a tua ausência, mas temos a certeza de que tens a alma em paz e de que teu amor sempre estará conosco. Agradecemos a Deus pelo privilégio de ter convivido contigo: pai, avô, sogro, esposo e amigo excepcional. Tenha certeza de que sempre te amaremos e jamais te esqueceremos! Agradecemos, ainda, o conforto e o carinho recebidos.” Os familiares convidam para a missa em memória do 7º dia de falecimento que será celebrada amanhã, domingo, dia 15 de abril, às 18 horas, na Igreja Matriz Cristo Rei. Antecipam agradecimentos.

HOMENAGEM E CONVITE PARA MISSA DE 30º DIA DE FALECIMENTO

ItalitaIrmaManfrediniZorzi * 03/02/1929 + 14/03/2018

A mãe, a esposa, a nona ITALITA, a bisavó, a sogra, a amiga... a querida ITALITA! Sim, muito querida, muito amável, sempre recebendo quem quer que fosse com beijos, abraços e palavras doces. Não, não foi porque a vida foi demasiadamente fácil... professora, esposa, mãe de oito, sim, oito filhos... não foi fácil. Era seu coração amoroso que transbordava em carinho, de qualquer forma. A nona Pequena, como gostávamos de chamar, foi grande! E foi em parte por não desejar ser. E esse foi o primeiro ensinamento da ITALITA. Na sua quietude, foi exemplo mais forte que as mais altas vozes. Afinal, gritar não nos faz ouvidos, somente barulhentos. Firme, sem perder a delicadeza! Agraciados fomos pela sua companhia, em sua vida farta de anos! Queríamos mais, é verdade! Mais dela conosco. Aquele olhar de amor já deixa saudade! Tão preciosa mãe, esposa, nona, bisavó, sogra, amiga... também preciosa filha do Deus Altíssimo! A vida, de fato, é um sopro, mas a eternidade concede o tempo que agora parece faltar. OBRIGADA PELA DOCE COMPANHIA! Os familiares convidam para missa que será celebrada no dia 14 de abril de 2018, às 18 horas, na Igreja Matriz Cristo Rei


26 GERAL

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Qualificação profissional

Aearv oferece oportunidades em abril Associação programou quatro atividades para o mês, incluindo viagem de visitação em São Paulo e diversas palestras FOTOS DIVULGAÇÃO

O

compromisso de promover oportunidades de qualificação profissional, assumido pela Associação dos Engenheiros e Arquitetos da Região dos Vinhedos (AEARV), é destaque no calendário de cursos e palestras da entidade. Somente no mês de abril, estão programadas pela associação quatro atividades. A primeira delas é uma viagem à São Paulo para visitação da empresa Guardian Glasses, uma das maiores fabricantes de vidros e espelhos do mundo. A atividade é promovida pela Modelo Vidros, de Garibaldi. O cronograma tem duas possibilidades: ida e volta no dia 12 de abril, com visitação somente a fábrica, ou retorno no dia 13, incluindo estada na capital paulista a fim de conhecer a Feicon Batimat, que é a única feira da América Latina que proporciona uma visão completa do mix de setores da construção civil e arquitetura. A agenda segue com a palestra de apresentação da Especialização em Edificações

sados em participar podem cotatar pelo e-mail czembruski@ucs.br ou pelo fone (54) 99935-6719, com Catiane.

Debates em pauta

Visita a Feicon é a primeira atividade na agenda de abril Sustentáveis. O encontro, ministrado pela coordenadora do curso Greice Portal, servirá para expor a qualificação oferecida em parceria com a Universidade de Caxias do Sul. Serão abordados os

módulos da especialização, o corpo docente, a duração, entre outros aspectos. A palestra ocorre dia 16 de abril, no auditório do bloco A do Campus Universitário da Região dos Vinhedos, às 19h. Interes-

Outras duas atividades integram a pauta da AEARV para o mês de abril: no dia 24 ocorre a palestra “Conceitos Básicos de Projeto para Estruturas Mistas de Múltiplos Andares”, no auditório da empresa Dell Anno, às 19h. O encontro será ministrado pelo engenheiro Rafael Pimentel Ivannoff, da Medabil, e tem apoio do Centro Brasileiro da Construção em Aço. No dia 26, o convite é para debater no encontro “O Futuro da Minha Cidade”. A iniciativa da Câmara Brasileira da Indústria da Construção percorre o país discutindo ações criativas e sustentáveis para o desenvolvimento dos municípios. Palestram nomes como Natália Garcia, jornalista que investiga as cidades brasileiras, e Silvio Barros, diretor da empresa Solução

Consultoria. Os interessados podem acessar o formulário de inscrição na página do evento no Facebook. De acordo com o presidente da AEARV, Diego Panazzolo, combinadas, as oportunidades de qualificação e reflexão contribuem de forma significativa para o aprimoramento do setor. “As formações setoriais reúnem profissionais e especialistas para enriquecê-los com informações em diversas áreas do conhecimento. Congressos, conferências, cursos, seminários e debates que envolvam a área tecnológica estão entre as ferramentas oferecidas pela entidade para cumprir o desafio de agregar mais competitividade a engenheiros e a arquitetos, beneficiando diretamente a sociedade civil que contará com serviços cada vez mais especializados”, avalia. Mais informações sobre a agenda de atividades da AEARV em abril podem ser obtidas pelo e-mail aearv@aearv. com.br ou pelo fone (54) 34519533, com Rejane.

CIC-BG

PGQP dá suporte a quem busca por diferenciação Suporte de empresas que buscam na gestão um caminho para se destacar no mundo corporativo, o Comitê Regional Bento Gonçalves do Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade (PGQP) promete trazer um leque repleto de ações para 2018. O comitê estimulará projetos que abordem os desafios de trabalhar o desenvolvimento das empresas para a excelência da gestão, para a inovação na busca de melhores resultados e para a transformação das cidades através da gestão qualificada e da competitividade sustentável. Para maio, uma atividade voltada à gestão financeira pessoal e à inovação em empresa familiar já está confirmada. Trata-se do Programa 8S, curso que o comitê promove entre nos dias 14, 15 e 16 de maio, no Centro Empresarial. No planejamento, o ministrante João

Pires Rodrigues mostrará o conceito ligado ao programa, suas bases de sustentação e sua metodologia, o histórico do 8S e as diferenças para o 5S, entre outros aspectos. O programa 8S é uma evolução do 5S e compreende senso de determinação (shikari yaro), senso de treinamento (shido), senso de utilização (seiri), senso de ordenação (seiton), senso de limpeza (seiso), senso de bem-estar (seiketsu), senso de autodisciplina (shitsuke) e senso de economia e combate aos desperdícios (setsuyaku). Rodrigues é mestre em Engenharia de Produção e tem formação em Administração de Empresas e Engenharia Mecânica, atuando como professor universitário e consultor nas áreas de manufatura/ produção, qualidade total e preparação de líderes para co-

mandar fábricas. O curso será das 18h30min às 22h30min. O investimento para associados ao CIC, termo de adesão ao PGQP e estudantes é de R$ 270. Demais público, R$ 500. Mais informações pelo telefone 2105-1999, com Angélica.

Ações baseadas na dedicação e trabalho Homenageado nos últimos três anos na entrega do Prêmio Qualidade RS PGQP, o comitê procura, antes de tudo, atuar de forma participativa junto à comunidade empresarial. “As conquistas são frutos da dedicação e da entrega voluntária para o tema. Caso isso leve a um reconhecimento, é claro que é excelente, mas não é o que norteia nossas ações”, comenta a presidente do Comitê Regional Bento Gonçalves,

Evento ocorre no Centro Empresarial, de 14 a 16 de maio Jussara Canabarro. As empresas que desejam fortalecer conhecimentos e evoluir suas práticas de gestão podem buscar no PGQP programas adequados a sua realidade. “A adesão inicia com

a vontade das empresas, não ocorre de forma impositiva. Ao comitê, cabe acolher estas iniciativas e mostrar caminhos que leve à evolução através da promoção de eventos sobre o tema da gestão”, diz Jussara.


ESPORTE 27

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Divisão de Acesso

Esportivo visita o Passo Fundo amanhã Para engatar a primeira sequência de triunfos, o alviazul busca vitória fora de casa, o que ainda não ocorreu na temporada LUCAS DELGADO

Lucas Delgado esporte@jornalsemanario.com.br

A

tuar como visitante na Divisão de Acesso deste ano não significa algo tão positivo para o Clube Esportivo. Atrás da primeira vitória fora de casa e das posições superiores do Grupo B, a equipe enfrenta amanhã, 15, o Passo Fundo pela 9ª rodada no Estádio Vermelhão da Serra. A equipe comandada por Cristian de Souza terá a dura missão de vencer um adversário direto. Apenas um ponto separa Esportivo e o Passo Fundo na classificação do torneio estadual. O retrospecto do alviazul contra os times que brigam por uma das quatro vagas da classificação não é bom: perdeu para Glória e Tupi e empatou com Ypiranga, União Frederiquense e o próprio Passo Fundo. Ainda, a equipe de Bento Gonçalves precisará duelar contra outro fator no duelo contra o Galo do Planalto: o Esportivo ainda não conseguiu vencer atuando fora de casa. Além disso, o alviazul não marcou gols atuando como visitante na Divisão de Acesso. O

o que permite a utilização do atleta de forma jurídica. O time titular do técnico Cristian de Souza deve ter: Luiz Müller, Thiaguinho, Fernando Cardozo, Thiago Gasparetto e Roger Bastos; Natan, Dieguinho (Maycon), Eduardinho, Diego Torres e Welder ; Jean Carlos. O jogo acontece às 16h no noroeste do Rio Grande do Sul.

Sub-17 joga em casa

Time venceu o Igrejinha na rodada passada e sonha com acesso setor ofensivo é o mais trabalhado pela comissão técnica. Entretanto, o momento é outro e pode sugerir uma inversão de panorama. O Esportivo voltou a vencer na rodada passada ao fazer 1x0 no Igrejinha o atual vice-lanterna. Ademais, o técnico Cristian de Souza deverá ter praticamente todo o grupo de atletas à disposição. A partir do jogo contra o

Passo Fundo a equipe poderá contar com todos os jogadores contratados no decorrer do campeonato. Além do zagueiro Thiago Gasparetto e dos meias Eduardinho e Diego Torres, que haviam estreado na rodada passada, os atacantes Welder e Jean Carlos terão condições legais para entrar em campo. O registro do atleta saiu no Boletim Informativo Diário (BID),

A equipe Juvenil do Esportivo fará sua estreia em casa pelo Campeonato Estadual da categoria. A partida pode significar o recomeço para o time que foi derrotado na estreia, quando enfrentou o São José, em Porto Alegre. Diferente da equipe profissional, o juvenil entrará em campo na tarde de hoje, 14, às 15h. No Estádio Montanha dos Vinhedos, o alviazul recebe o Pinheiros. A equipe de Porto Alegre empatou na primeira rodada contra o Caxias, portanto, possui um ponto conquistado, enquanto o Esportivo não pontuou no torneio estadual.

Divisão de Acesso 2018 Grupo A

Pts J

V

1 - Aimoré

17 8 5

2 - Pelotas

17 8 5

3 - Grêmio Bagé 14 8 3 4 - Lajeadense

12 8 3

5 - Inter-SM

10 8 3

6 - Guarani

8

8 2

7 - São Gabriel

4

8 0

8 - Santa Cruz

3

8 0

Grupo B

Pts J

V

1 - Ypiranga

21 10 6

2 - Glória

17 8 5

3 - União-FW

13 9 3

4 - Tupi

11 8 3

5 - Esportivo

10 8 2

6 - Passo Fundo 9

8 2

7 - Igrejinha

6

9 1

8 - Brasil-FAR

3

8 0


28 ESPORTE

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Rugby

Comunidade

Farrapos vai a Santa Maria Passeio com Veículos atrás da liderança estadual Adaptados ocorre amanhã

URSM, DIVULGAÇÃO

Evento organizado pela Anjos Unidos deve reunir cerca de 100 famílias DIVULGAÇÃO

Lucas Delgado esporte@jornalsemanario.com.br

O

kartódromo Aristides Bertuol será a casa da integração amanha, 15, no período da tarde. A partir das 15h, a oitava edição do Passeio com Veículos Adaptados será realizada para divertir pessoas com deficiência e promover a união entre as famílias. A organização do evento é feita pela Associação Anjos Unidos, uma das instituições que promovem a integração de pessoas especiais de Bento Gonçalves. O grupo à frente do evento espera a participação de cerca de 100 famílias. De acordo com a secretária da Anjos Unidos, Ivanice Riveira, o evento é fundamental, já que promove lazer àqueles que nem sempre tem possibilidade no dia a dia. “É um momento de diversão. Dificilmente eles terão acesso à equipamentos adaptados, então quando reunimos todos para andar no kartódromo, vemos a alegria deles ao aproveitar a adrenalina e o vento no rosto que os veículos proporcionam”, acredita. Ainda, para ela, o Passeio com Veículos Adaptados pos-

Ainda invicto, time encara o Universitário Rugby nesta tarde

O quadricíclo é uma das atrações para crianças, jovens e adultos sibilita aos grupos familiares realizarem ações em conjunto. “Muitas pessoas acabam ficando muito em casa pelas mais variadas dificuldades. A ação permite que pais e filhos, por exemplo, saiam e aproveitem o dia”, afirma. No evento, haverá a utilização de diversos veículos adaptados e com segurança adequada como: bicicletas, kart duplo, quadriciclo, e charrete - o último, permite a presença de diversas pessoas na mesma

atividade. A novidade fica por conta do kart triplo, que aumenta o poder de integração no passeio. “Poderão estar no kart um dos pais com o filho, duas crianças do nosso grupo ou até mesmo uma criança com deficiência e outra sem, o que promove uma grande integração, unindo a todos”, enfatiza Ivanice. O Passeio com Veículos Adaptados é gratuito e aberto ao público. O kartódromo está localizado no Fundaparque.

Atrás da terceira vitória no Campeonato Gaúcho de Rugby XV (CGR XV), o Farrapos encara o Universitário Rugby, em Santa Maria pela quarta rodada do torneio estadual. Há possibilidade do time encerrar o fim de semana na liderança da competição. Atualmente, a equipe de Bento Gonçalves ocupa a vice-liderança do CGR XV mesmo tendo um jogo a menos, com 10 pontos - 5 a menos que o Charrua. Porém, o líder folgará nesta rodada e deixará o número igual o de partidas disputadas. Sendo assim, o Farrapos poderá aproveitar a inatividade do time porto-alegrense para assumir a liderança do torneio

Futebol Americano

Contra o Raptors, Snakes busca primeira vitória A segunda rodada do Campeonato Gaúcho de Futebol Americano de 2018 já foi iniciada. Porém, apenas amanhã, 15, o Bento Gonçalves Snakes entre em campo para buscar a recuperação após o tropeço na estreia. A equipe enfrenta o debutante no estadual Viamão Raptors, fora de casa. Os bento-gonçalvenses buscam a primeira vitória no campeonato após a derrota para o Santa Cruz Chacais no primeiro jogo da liga estadual. Na ocasião, atuando em casa, o Snakes foi batido por 15x10. A busca pela primeira vitória no torneio significaria a possibilidade de alcançar

a vice-liderança no Grupo A. Os santa-cruzenses estão na liderança com duas vitórias. A única maneira de o Snakes passar o Porto Alegre Gorillas e chegar à vice-liderança seria em caso de vitória sem cedência de pontos - devido a parte dos critérios de desempate semelhantes e o fato de ainda não ter havido confronto direto entre o times. O adversário da rodada é o Raptors, que iniciou as competições oficiais apenas no segundo semestre de 2017. Desde então, a equipe soma seis derrotas e uma vitória. Bento Gonçalves Snakes e Viamão Raptors se enfrentam em São Leopoldo, amanhã, 15, às 14h.

estadual. Para isso, precisa vencer de forma contundente o Universitário Rugby (URSM) em Santa Maria, na região Centro-Oeste do Rio Grande do Sul. A vitória garante 4 pontos e, em caso de anotação de pelo menos quatro tries, há o acréscimo do ponto bônus, o que igualaria a pontuação do Charrua. Ainda, seria necessário tirar a vantagem de 35 de saldo do atual líder. Farrapos e Universitário jogam no Centro de Eventos da Universidade Federal de Santa Maria hoje, 14, às 15h30min. Antes, na prévia, as equipes juvenis se enfrentam. A equipe santa-mariense é a vice-líder, enquanto o alviverde da Serra está na quinta posição.

Comemoração

Por aniversário, Pinto Bandeira tem rústica

LUCAS DELGADO

Equipe tem a possibilidade de obter recuperação de derrota

Na manhã deste domingo, 15, Pinto Bandeira realiza a Rústica de Aniversário, em comemoração aos 22 anos de emancipação do município. A atividade ocorre a partir das 8h30min, em frente à Prefeitura Municipal - localizada na rua Sete de Setembro. A prova terá duas modalidades: 8,5 quilômetros (Rústica), dividida em 10 categorias e 3 quilômetros (Caminhada), sem limitação por categorias. As premiações serão feitas aos cinco primeiros colocados, com a entrega de medalhas de participação aos concorrentes, além de troféu e cesta de produtos coloniais.


ESPORTE 29

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Campeonato Brasileiro

Times gaúchos estreiam nos nacionais Desde ontem, 13, até amanhã, 15, três equipes do estado entram em campo; a Série D inicia apenas na próxima semana LUCAS UEBEL/GFBPA, DIVULGAÇÃO

Lucas Delgado esporte@jornalsemanario.com.br

O que projetamos para a dupla Gre-Nal

C

onsiderada por muitos especialistas e entusiastas como a mais equilibrada liga nacional de futebol do mundo, o Campeonato Brasileiro de 2018 iniciou ontem, 13, com jogos da Série B e terá partidas até o meio do mês de dezembro. Oito clubes gaúchos estão distribuídos nas quatro divisões. Na elite, Grêmio e Internacional estreiam no fim de semana na rodada de abertura.

Primeiro escalão O Grêmio será o primeiro a entrar em campo na Série A do Campeonato Brasileiro. A equipe de Renato Portaluppi enfrenta o Cruzeiro no Estádio Mineirão. Mesmo que tenham compromisso pela Libertadores durante a semana, a tendência é xaque ambos os times utilizem os titulares no jogo que acontece hoje, 14, às 16h. O Internacional, por sua vez, estreia diante do Bahia, no Estádio Beira-Rio, às 16h de amanhã, 15. A equipe de Odair Helmmann, vindo de triunfo sobre o Vitória pela

Série B

Luan e Dourado nos clássicos realizados no Brasileirão de 2016 Copa do Brasil, enfrentará o atual campeão baiano que é comandado pelo ex-técnico colorado, Guto Ferreira. O atual campeão do torneio é o Corinthians. Na temporada passada, a equipe paulista conquistou o seu sétimo título de Campeonato Brasileiro e faturou R$ 18 milhões com a conquista, montante igual que receberá o vencedor do Brasileirão 2018. Inter e Grêmio buscam o tetra e o tri campeonato, respectivamente.

Divisões inferiores Juventude e Brasil-PEL estão no segundo pelotão do futebol brasileiro. Ambos estiveram na edição passada e tentarão o acesso para a elite de 2019. O time de Caxias do Sul estreou na noite de ontem contra o Figueirense, em Florianópolis até o fechamento desta edição, a partida não havia sido finalizada. Já o Xavante joga neste sábado, às 16h30min, em casa contra o estreante São Bento.

Série C

Brasil-Pel | Juventude

Ypiranga

A equipe pelotense chega para a disputa da Segunda Divisão nacional com boa campanha no estadual do Rio Grande que abriu a temporada. Após ficar em segundo lugar no Gauchão, o Xavante tem a expectativa de melhorar a posição final obtida na temporada passada, quando ficou em 8ª. Um postoabaixo ficou o Juventude. Os Jaconeros finalizaram o ano com a mesma pontuação que o time da Zona Sul - 51 pontos. Na Série B, a equipe será treinada por Julinho Camargo, que assumiu o comando após demissão de Antônio Carlos Zago em meio ao Campeonato Gaúcho.

O Canarinho da região do Alto Uruguai é a equipe com a melhor campanha até aqui na Divisão de Acesso, competição na qual lidera o Grupo B. No ano passado, foi rebaixado no Campeonato Gaúcho e não fez campanha consistente na Série C. Na oportunidade, a equipe de 93 anos de existência não conseguiu ficar entre os quatro melhores de seu grupo para ir à segunda fase e buscar a classificação à Serie B. Com 23 pontos em 18 jogos, o Ypiranga ficou na 7ª posição, garantindo a manutenção no torneio estadual para 2018. A expectativa é de conseguir classificação na atual temporada.

Grêmio: Na temporada passada, o tricolor ficou na quarta colocação, mas poderia ter ficado melhor posicionado, caso não tivesse priorizado a Libertadores - torneio no qual seria campeão. É considerado um dos principais candidatos à conquista do Campeonato Brasileiro. Para isso, precisará enfrentar a concorrência de times como Cruzeiro, Palmeiras e Corinthians, bem como o calendário apertado com o continental e ainda a Copa do Brasil. Mesmo assim, deve ficar entre os três melhores colocados.

Internacional: Promovido da Série B do Brasileirão no ano passado após inconstante campanha, o Inter chega à elite nacional com muita desconfiança e preocupação por parte de seu torcedor, já que o clube vive momento de reestruturação.A precoce eliminação no Gauchão afastou o colorado de jogos oficiais por três semanas, tempo utilizado para mudar o time titular que será utilizado na temporada. A tendência é de que o Inter brigue por posição na parte superior da metade da tabela de classificação.

Assim como em outras edições, os quatro primeiros colocados garantem a classificação para a primeira divisão brasileira. Na Série C está o Ypiranga, de Erechim. A equipe que participa da Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho - junto ao Esportivo, no Grupo B - já esteve em ação pelo torneio nacional na temporada passada. O Canarinho será o único time do Rio Grande do Sul a disputar esta competição nacional. A divisão que conta com

maior número de equipes do estado é a Série D. O quarto escalão do futebol nacional contará com Caxias, Novo Hamburgo e São José entre os 68 participantes. Porém, este torneio é o único que não terá o pontapé inicial agora. A abertura ocorrerá no sábado, 21. Os gaúchos estão distribuídos em grupos distintos. Os líderes dos 17 agrupamentos e os 15 melhores segundo colocados passam para a segunda fase do torneio.

Série D

Caxias Depois de um 2017 sem atuação com futebol profissional no segundo semestre, o Caxias retorna às competições nacionais com nova participação na Série D do Campeonato Brasileiro. A vaga foi garantida após a excelente campanha no Gauchão do ano passado, quando o grená foi campeão do interior. A eliminação precoce no torneio estadual deste ano preocupou o torcedor do Caxias, que torce por uma boa campanha na Série D, a fim de subir de divisão. A equipe está no Grupo A15, junto a Inter de Lages (SC), Mirassol (SP) e Nova Iguaçu (RJ). A estreia será contra os catarinenses, fora de casa.

Novo Hamburgo A péssima campanha do anilado no Gauchão, torneio no qual ficou próximo do rebaixamento, a diretoria optou pela reformulação geral. Beto Campos deixou o comando técnico da equipe e deu lugar para Paulo Henrique Marques, que foi um dos destaques da campanha do São Luiz no estadual. O grupo de atletas foi bastante alterado se comparado ao início do ano. Chegam, como destaque, o experiente goleiro Carlão e o centroavante João Carlos, artilheiro pelo clube no ano passado. Novo Hamburgo, Tubarão (SC), Cianorte (PR) e Ferroviária (SP) fazem parte do Grupo A16. A estreia do anilado é contra o clube paulista.

São José Em 2017 o São José chegou perto de obter classificação para a Série C do Campeonato Brasileiro ao ser eliminado nas quartas de final e, após uma boa campanha no Campeonato Gaúcho de 2018, a equipe sonha com final diferente: a promoção para a terceira divisão da liga nacional. O técnico do Zequinha será Rafael Jaques, que esteve a frente do time que foi o campeão do Interior - prêmio concedido pela Federação Gaúcha de Futebol. Com prosseguimento no trabalho, o São José estreia em casa contra o Brusque (SC). Além deles, fazem parte do Grupo A17 o Prudentópolis (SP) e o Mogi Mirim (SP).


30 SEGURANÇA

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

BR-470

Maria da Penha

Lei passa por modificação nas medidas protetivas Novo texto prevê pena de três meses a dois anos em descumprimento FOTOS REPRODUÇÃO

Nicholas Lyra policia@jornalsemanario.com.br

N

o início deste mês, uma importante mudança na Lei 11.340, a chamada “Lei Maria da Penha”, que dispõe sobre mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. Em 3 de abril, foi sancionada a Lei 13.641, para tipificar o crime de descumprimento de medidas protetivas de urgência. Conforme a redação da lei, altera o artigo 24 da lei de 2006, e passa a prever pena de três meses a dois anos de detenção caso o acusado venha a “descumprir decisão judicial que defere medidas protetivas de urgência”. Conforme o parágrafo 1º, a configuração do crime independe da competência civil ou criminal do juiz que deferiu as medidas. Além disso, não

PRF flagra 100 condutores em excesso de velocidade A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou 100 condutores em excesso de velocidade nesta quarta-feira, 11, na BR-470. A fiscalização se deu em diversos pontos da rodovia federal, entre as cidades de Nova Prata e Carlos Barbosa. O número maior de autua-

ções se deu em Nova Prata, onde também teve a maior velocidade, 112 km/h num local onde o permitido é 60km/h. As operações com radar ocorrem diariamente e já flagraram mais de 2,1 mil condutores em excessos de velocidades na rodovia.

Lei 11.340, sancionada no início de abril, agrava punições exclui a aplicação de outras sanções cabíveis. Já o artigo 2º aponta outra alteração importante. Em caso de prisão em flagrante, apenas

a autoridade judicial poderá estabelecer fiança. Ou seja, o delegado de plantão não poderá atuar no sentido de definir fiança a ser paga.

Flagrantes ocorreram na quarta, 11, em diferentes trechos

Violência

Idosa de 80 anos é alvo O significado da alteração na prática de assalto na área central

Mas o que isso significa na prática? Conforme a delegada titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), Deise Salton Brancher, podemos imaginar um cenário hipotético, em que um indivíduo tenha que cumprir medidas protetivas pelo crime de ameaça, cuja pena varia de um a seis meses, conforme o Código Penal. No entanto, caso ele venha a descumprir a medida protetiva, como procurar a mulher no local de trabalho, por exemplo, estará sujeito às sanções previstas na nova lei. Isso significa que a pena passa a ser de três meses a dois anos de detenção, independente do crime de ameaça ter pena inferior. Na avaliação da delegada, a mudança é significativa e benéfica para as mulheres que são vítimas de violência. Conforme Deise, a decisão ocorre em função dos constantes descumprimentos das medidas. “Ordem judicial é para ser cumprida. Talvez isso motive os acusados a não desrespeitarem a decisão”, comenta. Ainda segundo ela, a nova lei

ARQUIVO

Uma idosa foi alvo de assalto na área central de Bento, no início da tarde de quinta-feira, 12. O caso ocorreu por volta das 13h30min, na rua General Gomes Carneiro. Conforme o Boletim de Ocorrência (BO) registrado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), a vítima, uma senhora de 80 anos, estava

passando em frente a uma loja quando um homem segurou sua bolsa. O criminoso arrancou os pertences da vítima e fugiu em direção ao bairro Humaitá. Foram levados celular, uma quantia em dinheiro, cartões de banco e documentos que estavam no interior da bolsa da vítima. Ela não ficou ferida, e ninguém foi preso.

Delegada Deise Salton Brancher, da Deam, comentou mudanças poderá, inclusive, ser um fator motivador a mais para que as mulheres busquem registrar seus casos, pedir medidas protetivas e irem atrás de seus direitos legais. “Agora, ela terá certeza de que algo concreto vai acontecer. Além disso, em caso de flagrante, o homem irá para a cadeia”, pontua. A delegada ressalta, ainda,

que outras formas de procurar a vítima também podem configurar descumprimento da medida protetiva. Métodos online, como via aplicativos de conversa, também caracterizam violação da lei. “É uma forma de descumprimento, já que a medida prevê que não deve haver comunicação e contato com a vítima”, finaliza.

Caso foi registrado na Delegacia de Polícia (DPPA) de Bento


SEGURANÇA 31

SÁBADO, 14 DE ABRIL DE 2018

Roubo de carga é registrado em Barbosa Um roubo de carga foi registrado na ERS-122, em Carlos Barbosa, na madrugada de sexta-feira, 13 de abril. O caso ocorreu próximo a localidade de Santa Clara Baixa, por volta da 1h10min. O condutor trafegava pela rodovia com um furgão e, quando passava por uma das pontes, foi abordado por um veículo Fiat Strada, com três homens armados. Um deles desceu e anunciou o assalto. Eles descarregaram a carga do furgão, avaliada em mais de R$ 10 mil, para o veículo. Após, fugiram do local. A vítima não ficou ferida.

Combate ao crime

Polícia Rodoviária Federal apreende 13 fuzis em Bento Armamentos pesados estavam em veículo com placas do Paraguai

Jogos de azar

Polícia apreende quatro máquinas caça-níqueis A Polícia Civil apreendeu, na manhã de sexta-feira, 13, quatro máquinas caça-níqueis no bairro Licorsul, em Bento. A ação ocorreu por volta das 10h, na rua Amadeu Arioli. Ainda conforme a Polícia Civil, a ação ocorreu para verificação de uma denúncia encaminhada às autoridades pelo Ministério Público. A ação ocorreu em um bar. No local, além das quatro máquinas caça-níqueis, foram apreendidas

13 ceduleiras e pen-drives. O proprietário do estabelecimento recebeu voz de prisão. Ele irá responder pelo crime previsto no artigo 50 da Lei de Contravenções Penais, que dispõe sobre a exploração de jogos de azar. O proprietário possuía as chaves das máquinas e extraía diariamente os valores obtidos de maneira ilícita. Um Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA).

Ação da Civil ocorreu após denúncia encaminhada pelo MP

FOTOS REPRODUÇÃO

A

Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 13 fuzis nesta sexta-feira, 13, em Bento Gonçalves. O fato ocorreu por volta das 10h, durante abordagem da PRF. Segundo a ocorrência, um veículo com placas do Paraguai passava pela delegacia da PRF em Bento, quando foram abordados. O homem, de 41 anos, é natural de Foz do Iguaçu. Já a mulher, de 19 anos, é natural do Paraguai. Junto ao veículo, os policiais encontraram 13 fuzis, 12 modelo AR-15 e um AK-47. Os fuzis AR-15 são de calibre 5.56, de fabricação americana. Já o Ak-47 é de fabricação russa e possui calibre 7.62. Um casal que estava no veículo disse aos policiais que estavam indo a Gramado para fazer turismo e comprar peças agrícolas. No entanto, o GPS que estava no veículo havia sido programado para chegar ao município de Novo Hamburgo, localizado no Vale do Sinos. Os armamentos recolhidos seriam utilizados para abastecer o crime organizado na região metropolitana de Porto Alegre. Os dois ocupantes do veículo, uma brasileira e um para-

Policiais recolheram armas AR-15 e uma AK-47 na abordagem

Abordagem ocorreu na sede da PRF, na manhã de sexta, 13 guaio, foram presos. Os dois detidos, as armas e o veículo apreendido foram recolhidos

pelas autoridades e foram encaminhados à Polícia Federal, em Caxias do Sul.

Possível reviravolta

Laudo alternativo aponta para homício em caso de 2017 Uma possível reviravolta em um caso ocorrido em Carlos Barbosa, em março do ano passado, pode mudar o andamento dos fatos. Após um trabalho de perícia alternativo ao realizado pelo Instituto Geral de Perícias (IGP), os laudos apontaram que Guilherme de Quadros Corrêa, com 19 anos à época, morto em 2017, teria sido vítima de homicídio. Foi a esse resultado que chegou a empresa Sewell Investigações e Perícias, contratada pela defesa da família para realizar a perícia. Conforme o diretor da empresa, Eduardo Llanos, a hipótese de que o acidente teria causado a morte de Guilherme

foi refutada pela perícia. De acordo com ele, existe um nexo causal entre a briga registrada anteriormente ao acidente e a morte de Guilherme. “A perícia realizada no veículo, o estudo hemático e os padrões das manchas de sangue dentro do carro indicam que ele já entrou sangrando no carro”, afirma. A perícia afirmou, ainda, que o ferimento no pescoço, que causou a morte de Guilherme, é incompatível com uma ocorrência de acidente de trânsito. Além disso, a velocidade calculada pelos peritos impossibilitaria um ferimento tão grave. De posse do laudo, a advogada de defesa da família de

ARQUIVO

Inquérito foi arquivado como morte em função de acidente

Corrêa irá solicitar o desarquivamento do caso. Já o delegado responsável pelo caso, titular da Delegacia de Polícia de Carlos Barbosa, Leônidas Costa Reis, afirmou que confia nas instituições oficiais. “Acreditamos no laudo IGP. A não ser que a Justiça decida pela reabertura, o caso está encerrado”, afirmou. O caso foi arquivado após o inquérito concluir que Guilherme de Quadros Corrêa morreu em decorrência de acidente de trânsito. O caso ocorreu na rua coberta de Carlos Barbosa, em 19 de março de 2017, após o jovem se envolver em uma briga no local.


Primeiro Caderno ........ 32 páginas Caderno S ................... 12 páginas Saúde & Beleza ............. 4 páginas

SÁBADO Fonte: Google

Edição............ 48 páginas

Previsão do tempo DOMINGO

SEGUNDA

BENTO GONÇALVES

TERÇA

Sábado

14 DE ABRIL DE 2018 ANO 51 N°3429 min 13º° max 19º

min 12º° max 23º

min 12º° max 23º

R$ 3,00

min 13º° max 25º

www.jornalsemanario.com.br

VALÉRIA LOCH, DIVULGAÇÃO

Antonio Cetolin

“Não podemos nunca desistir, precisamos persistir” Presidente, que encerra sua gestão frente a Amesne no dia 27, concedeu entrevista exclusiva para falar sobre suas conquistas e avanços necessários, inclusive na representação política da região no estado e País Páginas 18 e 19

Crônicas Agora vai? Antonio

Frizzo

IGVariedades Itacyr Luiz

Giacomello italugi@yahoo.com.br | n° 2.092

Página 4

Página 6

La Bela Polenta Denise

DaRé

Imigração italiana no Rio Grande do Sul Assunta

DeParis

denisedarebg@gmail.com

Página 8

Página 10

Jornal Semanário – 14 de abril de 2018 – Ano 51 – Nº 3429  

Jornal Semanário – 14 de abril de 2018 – Ano 51 – Nº 3429 - Edição Virtual

Jornal Semanário – 14 de abril de 2018 – Ano 51 – Nº 3429  

Jornal Semanário – 14 de abril de 2018 – Ano 51 – Nº 3429 - Edição Virtual

Advertisement