Page 1

OCELEIRO

OCELEIRO

1

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Quinta-feira, 08 de Março de 2018 - R$ 3,00

Ano XXVI EDIÇÃO 1519 Campos Novos, SC

www.jornalceleiro.com.br

Gestão e compromisso

Página 21 SAÚDE

Agronegócio

ESPECIAL

Registros de sífilis aumentam em Campos Novos e profissionais da Vigilância Epidemiológica falam sobre os casos. Página 07

Mulheres se manifestam em depoimentos sobre o Dia Internacional da Mulher. Páginas: 8, 9 e 10

Inédito no país: Projeto “Trailers da Agricultura Familiar” será lançado neste sábado em Campos Novos. Página 23

Foto: Wilhiam Peretti/O Celeiro

Primeiras obras de pavimentação asfáltica são inauguradas em Vargem.


OC

2 OCELEIRO www.jornalceleiro.com.br

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018 Fundado em 25 de Junho de 1992 CNPJ: 12.188.377/0001-03 Caixa Postal: 96 CEP: 89620-000 - Campos Novos/SC Redação: redacaooceleiro@gmail.com Comercial: oceleirocomercial@gmail.com Financeiro: oceleirofinanceiro@gmail.com Skype: jornaloceleiro - Facebook: OCeleiro.cn Edição Digital/Issu: http://issuu.com/jornaloceleiro

Diretor: Alexandre Alvadi Di Domenico Editora chefe, Jornalista: Antonia Claudete Martins Registro profissional 0006220/SC Repórter: Paula Contilio Assinaturas: Ana Carolina Pereira Diagramação/Arte: Wilhiam Rodolfo Peretti

Associado à Associação Catarinense de Jornais Periodicidade Verificada pela Abrajori Brasília (ACJ) Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). Associação Empresarial, Rural e Cultural Camponovense(Acircan) Membro da Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina (Adjori)

Impressão: Gráfica Araucária/Lages-SC Tiragem: 1.500/Exemplares/Semana

As colunas e artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente a opinião do jornal.

Fechamento da edição: Às terças-feiras à tarde

Circulação: Abdon Batista, Brunópolis, Campos Novos, Celso Ramos, Ibiam, Monte Carlo, Vargem e Zortéa.

Fone: (49) 3541-0597

Editorial Ser Mulher Por Antônia Claudete Martins Editora Chefe Nesta edição do Jornal O Celeiro de 08 de março de 2018, temos a feliz coincidência de comemorarmos o Dia Internacional da Mulher. Num trabalho de equipe e algumas adaptações ouvimos mulheres sobre este dia tão significativo com esta abordagem: “Ser Mulher”. Um especial produzido com mulheres que neste momento representam todas as demais e às quais agradecemos a disponibilidade. Aproveito este tema proposto para também deixar aqui uma breve reflexão. “Ser mulher é ser plural. Enfrentar várias jornadas diárias com toda a nossa dignidade e disposição. Ter a dádiva de ser mãe, um projeto divino que coube a nós “mulheres”. Ser mulher não é conquistar o mundo, mas ocupar

o nosso espaço para deixá-lo melhor. Seguimos lado a lado com nossos esposos, filhos, amigos, colegas de profissão, pois não estamos aqui para competir, mas somar. Ser mulher é também não desistir das lutas para sermos respeitadas como seres humanos, combater a desigualdade salarial, lutar diariamente pelo fim da violência doméstica contra a mulher tanto física, quanto psicológica, por fim aos relacionamentos abusivos, prevenindo os feminicídios. Ser mulher é ser luz, equilíbrio, sensibilidade, fortaleza, beleza e acolhida. É saber lidar com as diversidades, como a liberdade social de não ser desrespeitada, julgada ou assediada pelo simples fato de ser mulher. De querer ou não querer ser mãe, querer ou não querer ser vaidosa, querer ou não querer ser do lar. Enfim! Ser mulher é ser respeitada em suas escolhas! Feliz Dia da Mulher!

Coluna de Moda

Nº 134

Mulheres influentes no mundo da moda Como em todo mercado, a moda também tem alguns nomes tão influentes que são citados e lembrados a todo momento. E como hoje é o Dia Internacional da Mulher, separei 3 mulheres influentes no mundo da moda e que são inspirações não só neste mercado! 1.Anna Wintour: Editora-chefe da Vogue americana, a mais importante e conceituada no mundo, Anna Wintour é tão conhecida que ganhou um filme baseado em sua carreira, o famoso “O diabo veste Prada”. Além de editora, é também diretora de arte da Condé Nast, apoia novos designers americanos através do Vogue Fashion Fund e arrecada doações para o Costume Institue do MET. 2.Karlie Kloss: Além de modelo, Karlie deixou de ser uma Angel da Victoria’s Secret para frequentar a Universidade de Nova York e criou o Kode with Klossy, um programa de bolsas de estudo para jovens mulheres que queiram estudar programação. 3. Diane von Furstenberg: Criadora do icônico vestido envelope, além de gerenciar sua criação, Diane também possui uma fundação que ajuda crianças necessitadas.

AGENDA: Divulgue seu evento aqui: oceleirocomercial@gmail.com

Por: Bethania Marin Contatos em redes sociais: Instagram: @bethania_marin, Blog: www.bethaniamarin.com, E-mail: contato@bethaniamarin.com, Facebook:https://www.facebook.com/ sitebethaniamarin.

1.

2.

3.

Celeiro da Tradição

Bingão

>Estão abertas as inscrições para Danças Tradicionais, Declamação e Interprete Vocal, Mirim e Juvenil: Todas as segundas-feiras às 18h30 na Biblioteca Municipal, Adulto e Veterano: Todos os domingos no Ginásio da EEB Henrique Rupp. Declamação: Todas as idades na Casa da Cultura das 14h às 18h. Interprete e Conjunto Vocal: Todas as idades em horários combinados. Incerições abertas: (49) 98810.9522.

1º Bingão da Paróquia São João Batista em prol da construção do Centro de Evangelização Nossa Senhora Aparecida. Dia 14 de abril de 2018 às 20h30 no Galpão Crioulo em Campos Novos. Valor da cartela: R$ 20,00. Prêmio em dinheiro do Bingão: R$ 15.000,00 (Quinze Mil Reais); Local de venda: Paróquia São João Batista.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

08 de Marรงo de 2018

Publicidade

3


OC

4

CURTAS AMPLASC sedia 1ª reunião de 2018 do Comitê Rio Canoas A Diretoria do Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Canoas reuniu-se na segunda-feira (05) na sede da AMPLASC para sua primeira reunião de 2018. Na pauta a preocupação com ausência de repasse financeiro do Governo Estadual para efetivação do Plano de Ações do Comitê para este ano. Outros assuntos debatidos foram: o planejamento de visitas á entidades civis visando maior mobilização social e a preparação para o processo de escolha da nova presidência do Comitê. Após a incorporação da Bacia do Rio Pelotas ao Comitê do Rio Canoas aprovado no ano passado e diante do novo modelo de gestão dos comitês de bacias por meio de entidades executivas é fundamental a destinação de recursos da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável (SDS) para operacionalização do Comitê. O presidente da entidade João Maria Teles de Souza destacou que vai procurar tentar resolver a situação junto ao Secretário da Pasta e a Direção da Associação de Proteção das Águas do Planalto de Santa Catarina (APASC), que presta apoio técnico, administrativo e operacional as Bacias Hidrográficas do Estado. Os integrantes da Comissão Consultiva reforçaram a importância de valorizar os trabalhos realizados nos últimos dois anos e oferecer condições necessárias para a próxima Diretoria cumprir com os objetivos do Comitê Rio Canoas. O próximo encontro esta marcado para 11 de abril em Lages.

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Governo do Estado emite manifestação sobre a Operação Trapaça Diante da Operação Trapaça, nova fase da Operação Carne Fraca, o Governo do Estado considera fundamental o trabalho de investigação para que haja a punição dos envolvidos. O governador Eduardo Pinho Moreira ressalta que a denúncia é voltada a uma empresa, e não a todo setor produtivo, mas que ainda assim poderá refletir em prejuízos para SC. No Estado, apenas uma indústria que produz ração e um laboratório estão sob investigação, sem comprometer os frigoríficos da BRF que atuam com carne de frango. O Governo reforça que a empresa é credenciada e fiscalizada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para exportar e vender em território nacional. A inspeção é realizada por fiscais do próprio Ministério. O papel da Secretaria da Agricultura e da Pesca, no âmbito da sanidade agropecuária, é o acompanhamento sanitário dos rebanhos dentro das propriedades, vigilância da saúde e risco sanitário, controle do trânsito dos animais e permissão de transporte para abate com a certificação primária. O Estado acompanha os animais até ser dada a entrada nos frigoríficos habilitados, momento em que o rebanho passa para a tutela do Serviço de Inspeção Federal. A Secretaria da Agricultura e a Cidasc seguem trabalhando em conjunto com a iniciativa privada para garantir a saúde dos rebanhos e a qualidade dos alimentos que chegam à mesa dos consumidores. Lembrando que a carne de frango disponível no mercado é saudável e não oferece riscos à saúde, desde que conservada e preparada de forma adequada, reforçou o governo.

35% das lavouras de soja de SC são cultivadas com grãos de origem desconhecida O cultivo de soja está crescendo em Santa Catarina. A área cultivada com o grão cresceu de 640 mil hectares na safra 2016/2017 para 671 mil hectares na atual safra. Junto com o incremento na produção, cresce também a preocupação com o uso de sementes ilegais, chamadas de sementes piratas. A APROSESC (Associação dos Produtores de Sementes e Mudas do Estado de Santa Catarina) estima que cerca de 35% das lavouras de soja catarinense tenham sido cultivadas com grãos de origem desconhecida na safra 2017/2018. Segundo o presidente da entidade, Marcelo Carlos Fortes Ribeiro, as perdas diretas e indiretas causadas pela ilegalidade somam um prejuízo de aproximadamente 146 milhões de reais ao ano, sendo 63 milhões a perda direta da cadeia produtiva de sementes. Buscando levar estas informações aos produtores rurais, a APROSESC está promovendo a campanha “A Força do Campo Nasce da Semente”. O objetivo é fortalecer a cadeia produtiva da semente no estado, combatendo a pirataria e fomentando o uso de semente legal.


08 de Março de 2018 OCELEIROCOLUNISTAS

Variedades

www.jornalceleiro.com.br

DIREITO

5

Nossa História em Fotos

Fabrício Carvalho Advigado - OAB/SC 15.269 Especialista em Direito Ambiental

Foto: Acervo Benito Zandoná

Constitucionalidade do código florestal O CÓDIGO FLORESTAL foi sancionado em 2012, trazendo uma série de definições sobre pontos específicos da atuação do homem junto ao meio ambiente, principalmente a atividade agrícola exercida nas propriedades rurais em todo o país. Insatisfeito com o teor de alguns dispositivos desta lei o Ministério Público ingressou com Ações Direta de Inconstitucionalidade buscando o reconhecimento do STF (Supremo Tribunal Federal) quanto aos pleitos, cujas demandas tiveram início ainda em 2013. No último dia 28 de fevereiro o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter/reconhecer a CONSTITUCIONALIDADE da grande maioria do texto atacado pelo Ministério Público, principalmente as anistias concedidas pelo Código Florestal, sob o manto do princípio da razoabilidade e proporcionalidade. Com a decisão, a Corte finalizou o julgamento de cinco ações que questionavam diversos pontos do código (38 no total). Em que pese alguns argumentos atacando a decisão do STF, a anistia concedida não estimula a prática de determinados delitos ambientais, pelo contrário, muito em função e benefício do pequeno agricultor. Inclusive, foram respeitados os acordos firmados a partir do CAR (Cadastro Ambiental Rural). Mantido também o PRA (Programa de Regularização Ambiental) e a não cobrança de multas em relação ao passivo ambiental. Por parte dos autores das ações que queriam considerar trechos do novo código como inconstitucionais conseguiriam garantir mudanças em quatro pontos. Um deles é o que possibilitava haver “gestão de resíduos” e atividades esportivas em Áreas de Preservação Permanente (APP). Na prática, a decisão dos ministros proíbe lixões, aterros sanitários, quadras de esportes, ginásios e estádios em APPs. Outro ponto que também formou maioria é o entendimento de que o tratamento diferenciado para a recuperação de áreas desmatadas para terras indígenas não fica restrito àquelas que são “demarcadas” e “tituladas”. Nesse trecho da lei, o Código Florestal define normas especiais para recuperação de retirada ilegal de vegetação para pequenos proprietários, assim como para as terras indígenas e comunidades tradicionais. Com a posição do STF, também fica restabelecido que áreas entorno de nascentes e poços perenes também devem ser protegidas por APPs, e não só aquelas que cercam lugares de água perenes. Outra mudança é no que trata da compensação de área de reserva legal desmatada. Os ministros entenderam que a compensação deve ser feita em local de mesma identidade ecológica, e não no mesmo bioma, o que restringe as áreas de compensação. Enfim, do ponto de vista SOCIAL e ECONÔMICO, quem ganhou com tudo isso foi a população como um todo, especialmente a agricultura, pois evidente que alguns pontos podem ser considerados excessivos, contudo, não há que se falar em incentivo ao delito ambiental quando se busca também, a manutenção da espécie humana pela produção de alimento como o fazem os milhares de pequenos produtores neste pais.

Dica de Leitura Metanoia Padre Marcelo Rossi Padre Marcelo Rossi, lança seu novo best-seller. A obra, intitulada “Metanoia”, é a continuação da série que já vendeu mais de 15.000.000 de exemplares no Brasil e começou com o Ágape, Kairós e seguiu com o Philia. Metanoia vem do grego e signfica mudança profunda e radical da mente. Padre Marcelo nos insina que, diante dos problemas, somente uma nova postura nos tornará livres para viver com plenitude e maior felicidade, e esta mudança precisa começar por dentro. O livro traz também orações especiais do padre, que ajudam a enfrentar os obstáculos da vida.

*Fonte: Livraria Cultura

Sebastião Di Domenico - Um dos maiores criadores de porco solto do município.

Receita da Semana Nhoque Frito com Molho Branco

Ingredientes u1 kg de batatas cozidas e amassada; u1 xícara (chá) de farinha de trigo; u1 ovo; uparmesão ralado a gosto; uóleo para fritar e sal a gosto; MOLHO: u4 colheres (sopa) de queijo mussarela ralado; 2 xícaras de leite; 2 colheres (sopa) de margarina; 2 colheres (sopa) de farinha de trigo, sal e pimenta-do-reino em pó a gosto a gosto.

Modo de Preparo Nhoque: Cozinhe as batatas em água e sal e passe-as pelo espremedor.; Em uma tigela, misture as batatas com o ovo e a farinha de trigo.; Tempere com o sal e acrescente o parmesão.; Modele os nhoques e frite em óleo quente. Molho branco com queijo: Derreta a margarina e misture com a farinha de trigo. Mexa até que fique uma pasta homogênea. Aos poucos, acrescente o leite e mexa sempre para não empelotar.; Deixe cozinhar por alguns minutos e tempere com sal e pimenta a gosto. *Fonte: TudoGostoso.com.br

Sessões de Cinema VIDEIRA - Videira Shoping

LAGES - Arcoíris Marrocos

uPantera Negra 2D - Dub. Todos os dias às 18h00; Sexta às 15h00; uPantera Negra 2D - Leg. Todos os dias às 20h50; uPantera Negra 3D - 3D - Dub. Qui. Sex. Seg. Ter. Qua. às 15h00 e 20h50; Sáb e Dom. às 15h00 e 20h50; uCinquenta Tons de Liberdade 2D - Dub. Todos os dias às 16h50 e 21h20; uA Vida é uma festa - 3D - Dub. Todos os dias às 14h40 e 19h05;,

uPantera Negra - 2D - Dub. Quarta às 15h00 e 20h30; uCinquenta Tons de Liberdade - 2D - Dub. Quarta às 17h30;

FRAIBURGO - Grupo Cine uNada a perder: Contra tudo, contra todos - Dub. Sex. Sáb. Dom. Seg. Ter. Qua. Ás 15h10, 18h00 e 20h50;

*O jornal “O Celeiro” não é responsável pelas mudanças no calendário de horários de todos os cinemas citados, portanto estes horários ainda podem sofrer alterações.


6

Publicidade

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Marรงo de 2018


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

Saúde

08 de Março de 2018

7

Uma epidemia de sífilis? Foto: Paula Contilio/O Celeiro

Registros da doença aumentam em Campos Novos e profissionais da Vigilância Epidemiológica Municipal falam sobre os casos. A Vigilância Epidemiológica Municipal registrou de janeiro até segunda-feira, 05 de março, 25 casos de sífilis em Campos Novos. Conforme Dinara Miguel Padilha, enfermeira da Vigilância Epidemiológica, são dois casos em gestantes de 15 e 19 anos de idade e 23 casos de sífilis não especificadas. Em 2017 foram registrados 72 casos da doença, sendo 2 casos de sífilis congênita, 14 casos em gestantes com idade entre 16 a 30 anos e não especificadas 56 casos na faixa etária entre 15 a 72 anos. Para o médico da Vigilância Epidemiológica, Julio Ebrain Neris, pelos números já registrados nos primeiros meses do ano, já se pode considerar uma epidemia de sífilis no município. O profissional considera, porém, que as novas notificações deste ano não significam que a contaminação tenha ocorrido em 2018. “Pelo número objetivo de casos registrados neste ano em relação ao ano passado, pode se considerar uma epidemia. Mas isso não quer dizer que os novos casos registrados em 2018, todos tenham tido a infecção recentemente. Pode significar simplesmente o fato dos pacientes terem adquirido a doença no passado e só agora terem feito o exame e chegado a um diagnóstico. Pelos números objetivos levando em consideração 2017 para 2018, há sim um número expressivo que deixam a gente com um pouco de receio, mas não há como afirmar que as infecções tenham sido contraídas neste ano”. A sífilis é uma infecção sexualmente transmissível, altamente contagiosa e que, quando não tratada, pode evoluir

Julio Ebrain Neris e Dinara Miguel Padilha para forma sistêmica e grave. O uso de preservativo em todas as relações sexuais é o método mais eficaz de prevenção, protegendo o indivíduo de outras 11 Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), como o HIV e as hepatites B e C. “Na maioria dos casos a doença é assintomática, ou seja, tem poucos sintomas. A maioria notificamos e diagnosticamos pelo teste rápido e se encaminha para tratamento. Junto com essa doença da sífilis outras doenças sexualmente transmissíveis também são transmitidas, como HIV, hepatite B e C, é o que também nos preocupa”, reforça Dr. Julio. O médico alerta também que para as gestantes, o cuidado é redobrado, considerando que a infecção pode ser transmitida para o bebê (sífilis congênita) e provocar má formação do feto e aborto. “Em gestante a situação é delicada principalmente porque se não for bem tratada, a doença pode ser transmitida para o bebê e a criança que já nasce com a doença, as consequências da sífilis congênita podem ser bem graves. Então toda a gestante que faz o pré-natal a gente pede o teste rápido para a sífilis pelo menos três vezes no pri-

meiro, no segundo e no terceiro trimestre, para que se evite a contaminação do bebê”. O teste para sífilis deve ser realizado no primeiro trimestre da gestação, ser repetido no terceiro trimestre e no momento da internação para o parto. Os parceiros sexuais das gestantes também devem ser testados durante o pré-natal, complementa Julio Ebrain Neris. Além dos riscos do abortamento e morte fetal, a criança pode apresentar lesões neurológicas, cardíacas, oftálmicas e articulares irreversíveis. O Teste Rápido para sífilis é oferecido pelo SUS e pode ser solicitado por qualquer pessoa diretamente na unidade de saúde. O processo é rápido, seguro e sigiloso, reforça Dinara Miguel Padilha. “Hoje existe esta oportunidade do diagnóstico precoce. Os testes rápidos são realizados em todos os postos de saúde, cada pessoa pode realizar no posto do seu bairro e assim ampliar a testagem rápida, tanto de sífilis, quando de HIV e Hepatites. É um teste seguro, sigiloso e em 30 minutos a pessoa tem o resultado de quatro exames”. A sífilis pode afetar todas as fai-

xas etárias e a pessoa pode desenvolver a doença anos depois de ter se infectado, por isso, em muitos casos, do registro de sífilis em idoso. Dr. Julio esclareceu ainda que uma vez que o teste rápido dê positivo, é necessário sempre que o paciente também opte por um segundo exame. “O teste treponêmico que é o teste rápido, uma vez positivo vai ser positivo para o resto da vida. É o que chamamos de cicatriz sorológica. Então você fez hoje, tratou e faz novamente o teste rápido daqui um ano, vai dar positivo de novo, mas isso não quer dizer que a pessoa esteja novamente contaminada. Por isso da importância de fazer sempre o segundo exame, que é o VDRL (exame de sangue para diagnosticar sífilis)”. Como a maioria dos casos são transmitidos via sexual, a principal forma de prevenção é o uso de camisinha, orientou ainda o médico. “A prevenção é o uso de camisinha, pois a principal forma de transmissão da sífilis é sexual na grande maioria dos casos. Outra forma seria pela transfusão sanguínea, mas hoje em dia esse risco é quase zero em função das novas normas que estão sendo utilizadas. Outra forma seria por meio de acidentes de material perfurocortante, mas o profissional de saúde já tem todo o protocolo a seguir e evitar e ainda existe a transmissão vertical, de mãe para filho, durante a gestão ou na hora do parto”. Santa Catarina está vivendo uma epidemia de sífilis nos últimos anos, assim como o Brasil e diversos países do mundo. O crescimento é expressivo, considerando os registros dos últimos cinco anos (20122016) divulgados pela Dive. Os casos de sífilis adquirida aumentaram 320% neste período, passando de 2.012 para 8.427. Entre as gestantes, os novos casos notificados saltaram de 309 para 1.443, o que representa um incremento de 360%.


8

ESPECIAL

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Elas são exemplos Fotos: Paula Contilio/O Celeiro

No dia que são celebradas as lutas e conquistas das mulheres, conheça algumas delas que fazem parte da história da comunidade camponovense e são exemplos para todas. Se fossemos mensurar todas as mulheres que fizeram alguma coisa em prol das mulheres e da nossa comunidade, certamente teríamos uma lista com centenas de nomes. O importante é sabermos que cada uma delas, independentemente do seu feito ou de sua trajetória de vida, tem conseguido deixar flores por onde passam, salvaram vidas ou estão lutando para tornar a sociedade e o mundo melhor. Nesta quinta-feira, 08 de março, Dia Internacional a Mulher, a produção do Jornal O Celeiro colheu alguns depoimentos de profissionais que fazem a diferença todos os dias de suas vidas em nossa comunidade. Em nome delas queremos homenagear a todas que de uma forma ou de outra fazem toda a diferença.

Confira...

“Ser mulher é ser independente, ter civilidade, conquistar e ampliar nosso espaço a cada dia, ver o mundo de outra forma e estar em equilíbrio constante com as adversidades. Eu sou bombeira militar desde 2014, trabalho no operacional. Na corporação a mulher está em constante mudança. Agora, mais recentemente que temos várias mulheres na corporação. Eu nunca me senti prejudicada aqui, mas há muitas que ainda se sentem diminuídas em relação aos masculinos. Sabemos que temos nossas limitações físicas, de força, mas podemos sim executar as mesmas atividades que os soldados bombeiros homens executam”.

“Ser mulher nos dias de hoje ganhou um significado mais especial! Para mim ser mulher é ter voz! Ter voz de mudança, ter voz de esperança, de empoderamento, ter voz de coragem, de força e principalmente ter voz de independência. Ser mulher nos dias de hoje é estar preparada para tudo. No contexto da moda, ser mulher é muito mais que o sentido tendência, desfiles e coleções. Por meio da moda a mulher pode se expressar, ser quem ela deseja, transmitir confiança e atitude. Ser ela mesma através das roupas que ela usa, acho que isso é o mais importante”. Bethânia Marin Blogueira e colunista de moda do Jornal O Celeiro.

Bibiana Becker Nunes Pacheco Soldado Bombeira Militar Corpo de Bombeiros Militar de Campos Novos.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

ESPECIAL

08 de Março de 2018

“Mulher para mim é um ser único, e um ser especial, iluminado, nós viemos com uma missão muito importante. Não somente a missão de sermos mães, mas administrarmos várias outras atividades, dando conta de tudo que também precisamos para nosso eu. Venho de uma família que nasceu do campo e desde pequena eu vivo neste meio do agronegócio. Então eu vivencio tudo e hoje estou aqui representando na presidência da Coperacel, função que exerço com muito amor e muita paixão, porque acima de tudo devemos gostar do que fazemos. Com isso buscamos nos conhecer melhor, procuramos ter mais conhecimento para estar inseridas neste setor do agronegócio que até bem pouco tempo era dominado por homens, realidade que vem mudando graças a mulheres que foram batalhadoras, se uniram e reivindicaram seus direitos. Temos muito a alavancar ainda para que tenhamos um mundo e um país mais igualitário. Somos capazes de fazermos e darmos o nosso melhor, para que juntas e unidas proporcionemos um meio de vida melhor”.

“Ser mulher para mim é ser uma representante de mais uma de tantas categorias humanas que existem no universo. Houve uma época que havia muita competividade em que a mulher queria ser mais valorizada e o homem era machista, então havia uma espécie de competição. Eu acredito que hoje ser mulher é ser uma representante da categoria humana, caminhando no mesmo pé de igualdade que os homens. E no meio que eu atuo, sou Master Coach, palestrante e presidente de um instituto, que ainda é um papel bastante masculino, não me sinto diminuída por isso, nem competindo com ninguém. Nós mulheres estamos buscando nosso espaço e conquistando, nem mais, nem menos que outra categoria, sejam homens, crianças ou idosos, nós somos mais um ser humano”.

Elisangela Schlager Presidente da COPERACEL (Cooperativa Agropecuária do Celeiro Catarinense).

Magna Regina Tessaro Barp Coach Integral Sistêmica, Escritora, Palestrante e Presidente do Instituto Humaniza.

Fotos: Paula Contilio/O Celeiro

9

Foto: Wilhiam Peretti/O Celeiro

“Ser mulher nos dias de hoje é ser o conhecimento, o suprimento, o alicerce da sua casa, da sua família e dos teus amigos também. Como empresária é ser o amor, coordenar também o sentimento no seu local de trabalho, porque felizmente tem coisas que a mulher faz com mais compromisso e isso conta bastante. E também como voluntária da Rede Feminina de Combate ao Câncer a gente descobre na realidade o que é verdadeiramente ser mulher, é ser o amor, é levar a palavra e muitas vezes apenas levar um abraço, ser mulher”! Darlene Aliprandini Proprietária do Centro de Formação de Condutores Sinal Livre e voluntária da RFCC.


10

ESPECIAL

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Foto: Paula Contilio/O Celeiro

Foto: Arquivo/O Celeiro

“Ser mulher é maravilhoso, é ter um equilíbrio emocional muito grande para lidar com as situações do dia a dia. É desenvolver um bom trabalho na comunidade onde ela vive e também para que a sociedade tenha algum resultado das suas ações, sua dedicação tanto na área profissional, quanto social. Então ser mulher é estar sempre batalhando, sempre buscando o melhor de si e dos outros”. Vera Otonelli Durli Diretora da Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA) Foto: Wilhiam Peretti/O Celeiro

“Dia 08 de março é dia internacional da mulher. Ser mulher é saber transformar-se diante das dificuldades. Ser mulher é ter esperança quando ninguém mais tem, é acreditar quando ninguém mais acredita. Ser mulher é gerar uma vida e ficar sem palavras. Ser mulher é divino. É rosa, quando tudo é espinho. A voz feminina na comunicação faz toda diferença, já que possuímos em todas as empresas de comunicação, principalmente no rádio muitas vozes masculinas. Então a voz feminina chega e faz toda a diferença. Tem um público fiel, seleto e confirma a audiência todos os dias, fazendo toda a diferença em todas as rádios. Uma voz feminina que marcou a minha vida foi a de Anne Arithusa Alves, que marcou uma geração”. Angela Recalcatti Comunicadora Rádio 104,9 FM.

“Ser mulher hoje é ser uma pessoa independente, uma profissional que tenha objetivos a cumprir e se projetar no mundo. Na odontologia a mulher hoje está sendo reconhecida, é uma profissão com muitas mulheres presentes, atuando e se projetando de uma maneira geral”. Léa Maria Franceschi Dallanora Clínica geral – Ortodontia e Odontopediatria.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

11

Política

08 de Março de 2018

Presidente do PP visita Campos Novos e fala do cenário político no estado Foto: Wilhiam Peretti/O Celeiro

Deputado Estadual Silvio Dreveck comentou em entrevista que o provável e principal aliado do Partido Progressista (PP) será o Partido Social Democrático (PSD). Esteve em Campos Novos na manhã de sexta (02), o Deputado Estadual e agora Presidente do Partido Progressista (PP), Silvio Dreveck. Em entrevista ao Jornal “O Celeiro” o deputado avaliou sua atuação junto à presidência da Assembleia Legislativa (Alesc), no período entre fevereiro de 2017 e 31 de janeiro de 2018. “Fizemos um acordo com Aldo Schneider (MDB) que antes era o vice e agora é o atual Presidente. Para mim foi um aprendizado, pois não é só administrar a mesa e sim a Assembleia como um todo, pessoal, recursos e um orçamento. Imprimimos um ritmo a processos que estavam parados na casa. Em 2017 tivemos 416 projetos tanto executivos quanto legislativos e conseguimos em dois meses votarmos 88 projetos que estavam na pauta e depois demos prioridade em regime de urgência e limpamos esta pauta, aprovando, por exemplo, a extinção da Codesc e desportos além de empresas públicas que estavam dando prejuízo ao estado”. Outras ações também foram destacadas pelo parlamentar frente à Alesc, como a aprovação da redução da dívida do estado de Santa Catarina. “Aprovamos a modificação do Porto de São Francisco do Sul onde o mesmo foi modernizado para ser mais competitivo e também aprovamos a redução da dívida do Estado de Santa Catarina, paga pelo Governo Federal. Essa aprovação resultou em uma economia de 7 bilhões de reais e tomamos decisões de economia na Assembleia como redução de gratificação, contratação de pessoal e de pessoal terceirizado, extinguimos 400 cargos e também a mudança do sistema de segurança da Assembleia, reduzindo o valor pago e

Presidente Estadual do PP , deputado Silvio Dreveck com os vereadores Mancha e Dalmolin tudo isso deu uma economia de 10 milhões totalizando 40 milhões em um ano”. Silvio Dreveck também visitou a Rede Feminina de Combate ao Câncer uma integração junto à campanha “Você não está sozinho nesta luta” da Assembleia Legislativa. Para ele o Manual de Apoio ao Paciente com Câncer produzido pela equipe da Assembleia e uma ferramenta que ajudará as pacientes no que diz respeito aos direitos de cada um. “Eu tive a oportunidade de ser Secretário de Saúde de São Bento do Sul e aprendi que as pessoas têm dificuldades em saber seus direitos e de acordo com a pesquisa que fizemos queríamos conhecer o que cada paciente poderia ter de direito do Estado, Governo Federal, Governo Municipal e nessa pesquisa para minha surpresa apontamos vários itens e aí veio a pergunta: “Como a pessoa que está acometida pela doença tem como saber desses direitos”? E dentre esses levantamentos descobrimos por exemplo o direito de receber o PIS, Fundo de Garantia, PASEP, não precisa pagar a casa financiada pelo governo, tem direito a isenção de imposto de renda, pode comprar um veículo com isenção de ICMS e também em alguns municípios até IPTU,

PEDIDO DE LICENÇA AMBIENTAL Licença Ambiental de Instalação Geração de Energia CGH Ponte Caída Ltda, torna público que requereu da Fundação do Meio Ambiente (FATMA), a Licença de Instalação para a construção da CGH Ponte Caída, localizada no Rio Butiazinho, entre os municípios de Brunópolis e Monte Carlo, estado de Santa Catarina.

Rua: Felipe Schmidt, 458, Centro 88010-001 – Florianópolis Santa Catarina Fone: + 55 48 3216 1700 E-mail: fatma@fatma.sc.gov.br URL: www.fatma.sc.gov.br

e para isso nós precisamos fazer chegar essas informações e através disso produzimos a cartilha e decidimos entregar em todas as Redes Femininas do Estado”. Silvio assumiu a Presidência do Partido Progressista (PP) no mês passado e avaliou o momento. “É minha primeira vez como presidente do partido, e precisamos falar em defender a democracia que é o melhor sistema. Devemos levar em conta a corrupção e convencer as pessoas de bem a participar. De qualquer modo serão eleitos deputados e votar nulo só permite que pessoas ruins participem”. Na ocasião o deputado também comentou a pretensão de ser candidato a deputado federal. “Não podemos fazer um discurso de prometer, temos que ser reais, tenho um projeto a Deputado Federal e na convenção em agosto que vai definir todos os candidatos, na maioria das regiões estamos consolidando e temos uma boa nominata de candidatos, nosso objetivo é ter 6 ou 7 candidatos eleitos no pleito estadual. Sobre alianças nós definimos em convenção nossa prioridade de aliança com o PSD e com o PSB historicamente temos várias prefeituras com essa aliança e governos vitoriosos no passado”.

Sobre a candidatura do Esperidião Silvio comentou: “Sobre Amin a candidatura dele foi a meu pedido pois todos os partidos já tinham lançado os pré-candidatos, mas o foco principal é a aliança pois ninguém corre sozinho. Nosso foco é que dentro da aliança quem estiver melhor será o cabeça de chapa”. Além do PSD, o deputado e presidente do PP comentou que está em conversa com PR, PSDB, PDT, PSC e outros. O deputado se manifestou ainda contrário às regionais. “Nós defendemos o não às secretarias regionais, investimentos em segurança e estrutura. Vivemos em um mundo digital, somos contra gerências e somos a favor de uma administração eficiente e eficaz”. Sobre a reviravolta do governo onde Raimundo Colombo saiu e deixou o vice Pinho Moreira como Governador em exercício Silvio afirmou. “Para mim é uma situação inusitada, ele deve ter feito o acordo com Pinho, o que me chama atenção é que o governo está governando, mas quem está no governo é o governador em exercício e essa é uma situação diferente, nunca acompanhei uma transição dessas e esse entendimento é deles”. Sobre a extinção das ADR’s Silvio se manifestou dizendo que ainda não saiu do discurso: “Ele ainda não extinguiu nada, pois isso ele só falou e nada passou na Assembleia, ele está falando em desativar e nisso algumas exonerações, e ver se esse pessoal será mantido ou transferido, pois para acontecer de fato tem que fazer a extinção o que até agora não aconteceu, só um discurso e não uma realidade. Outra coisa que chama a minha atenção é que quando queriam extinguir a ADR de Florianópolis o PMDB foi o primeiro a dizer não e o Raimundo cedeu à pressão”. Segundo Silvio Dreveck, a partir de abril haverá novos desdobramentos na política catarinense e as pessoas vão saber sobre mais quem estará na disputa.

ATENÇÃO

Casal com um filho procura colocação para trabbalhar em sitio ou fazenda ou chácara, o casal possui experiência e prática no serviço rural. Faz serviços de roçadeira, cavalos, ovelhas, gado de corte e leite. Interessados ligar (49) 9 8855.6035 (Pedro) ou (49) 9 8861.5980 (Kimberlly).

Assine “O Celeiro” (49) 3541-0597


12

Cultura

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Cultura difundida nos bairros e zona rural de Campos Novos Foto: Antonia Claudete Martins/O Celeiro

Campos Novos conta com mais um projeto cultural para atender a população. Visando a ampliar e difundir a cultura no município, o Projeto Cultura nos Bairros e Comunidades Rurais foi lançado pela Fundação Cultural Camponovense na sexta-feira, 02. O programa propõe-se a levar aulas de música e dança para diversas localidades de Campos Novos, como Encruzilhada, Dal Pai, Pacheco, Aparecida, Jardim Bela Vista e Boa Vista. A segunda-feira, 05, marcou o início das aulas, que atenderão crianças a partir de 5 anos de idade até os idosos. “É um pedido antigo do prefeito que esses projetos chegassem às comunidades mais distantes pela dificuldade que as pessoas principalmente da área rural tem do acesso à Cultura, mesmo que sejam as modalidades mais básicas. Então por isso lançamos este programa, estamos trabalhando em parcerias com a Secretaria de Assistência Social e Centro de Convivência dos Idosos e demais comunidades. A nossa expectativa é grande, pois no primeiro contato que

tivemos nas comunidades rurais a aceitação foi positiva”, afirmou a Superintendente da Fundação Cultural, Marli Becker. Marli também destacou as parcerias estabelecidas. “Se não fossem as parcerias não seria possível a Fundação Cultural realizar este tipo de projeto. Recursos pela Fundação Cultural não existe uma dotação que prevê esse tipo de trabalho de Campos Novos. Fomos buscar por meio da Copercampos que nos aportou com dois professores, da Coocam, que por meio da Sescop também patrocina o projeto. Agora estamos aguardando retorno da Coaccer que também se mostrou positiva ao aporte de um professor , a Rádio Cultura que é nossa parceria e estamos abertos a novas parcerias, porque nós precisamos disso, pois a Cultura hoje está sendo mais incentivada pela iniciativa privada do que pelo próprio governo, seja federal ou estadual”, reforçou Marli Becker, observando que as parcerias foram viabilizadas com a iniciativa privada por meio de chamamento público. No Ibicuí serão oferecidas aulas de danças tradicionalistas. Em Encruzi-

lhada, Dal Pai, Bairro Boa Vista/Cohab e Centro de Convivência Padre Quintilho Costini, serão aulas de instrumentos musicais. Junto ao Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos que abrange Bairro Aparecida, Residencial Colina das Flores e Conjunto Habitacional Integração, serão aulas de instrumentos musicais e teatro. “Nas aulas de instrumentos musicais, os alunos terão oportunidade de aprender teclado, acordeon, violão e vários outros”, afirmou a Coordenadora de Projetos da Biblioteca Pública Municipal, Roscely Scheffer Silva. A Assessora de Educação da Escola de Ensino Fundamental Rafael Dal Pai, Maria Bernardete Rossdeutscher, falou da importância de levar cultura às comunidades rurais de Campos Novos. “Eu

acho importante, os alunos precisam porque eles não tem outro meio, outro centro que eles possam participar, vai ser ótimo, tanto a música, quanto a dança. A música é vida, então vai ser bem importante para a comunidade em si, porque demanda existe. Com estes projetos nossos jovens não vão procurar outros caminhos que podem vir a ser prejudiciais, além de contribuir muito com a educação”. Além do novo projeto, as aulas de música na Casa da Cultura iniciam na Segunda Semana de Março e continuarão atendendo toda a população, sendo que neste ano, haverá novidades nas modalidades dos cursos oferecidos, de piano e técnica vocal. As inscrições aos projetos das oficinas culturais ficam abertas durante todo o ano.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

13

Geral

08 de Março de 2018

Monte Carlo estará representado no Concurso Mister e Miss Mundo SC Fotos: Divulgação/Arquivo Pessoal

Concurso está previsto para acontecer em outubro e representantes falam sobre como estão se preparando. O município de Monte Carlo será representado no Concurso Mister e Miss Mundo Santa Catarina. O Concurso Miss Mundo é o mais antigo concurso internacional de beleza, criado em 1951 no Reino Unido pelo britânico Eric Morley e se tornou um dos mais populares concursos de beleza do mundo. Após o falecimento de seu criador sua viúva Julia Morley, assumiu o comando do concurso. Televisionado globalmente para milhões de espectadores a cada edição e dedicado a promover a paz e interações culturais, desde sua criação o concurso é responsável por levantar mais de 250 milhões de libras esterlinas para caridade infantil. A marca é franqueada a mais de 130 países, em muitos dos quais há concursos nacionais exclusivos para a escolha da representante ao concurso global. O lema do concurso é “Beleza com Propósito”, ou seja, além das várias provas tradicionais de um concurso, como oratória, passarela e simpatia, os candidatos e candidatas devem desenvolver projetos de cunho social em suas cidade e regiões. Em Santa Catarina o concurso esta sob o comando de Luiz Bozzano Coordenador do Concurso Estadual de Beleza (CEB), há quase 30 anos. Por muitos anos ficou sediado na cidade de Itajaí, atualmente acontece em cidades e datas diferentes em cada nova edição. Para representar seus municípios no certame estadual, os interessados devem passar por concurso municipal ou serem indicados pelos coordenadores regionais. Monte Carlo estará representado pela Miss Monte Carlo Sandyara Gonçalves da Silva e Mister Monte Carlo Adriano Cordeiro. O concurso está previsto para outubro e os primeiros colocados, denominados de TOP5 no concurso estadual,

Adriano Cordeiro avançam ao concurso nacional, sendo que os primeiros recebem os títulos de Miss e Mister SC e os quatro seguintes recebem faixa para representar as suas regiões em nível de Brasil. Sandyara falou à reportagem do Jornal O Celeiro sobre como está se preparando para o concurso. “Eu já comecei minha preparação com uma nutricionista e fisiculturista que atualmente trabalha em Curitiba, uma profissional com bastante experiência neste tipo de trabalho. Também tenho o acompanhamento do personal Felipe com uma parceria da Academia Evolução Fitness. Tenho que focar bastante na preparação, pois Santa Catarina possui muitas beldades”. A Miss afirma que participa do Concurso em nível estadual após ser convidada, observando que os detalhes devem ser todos acertados em final de março

Sandyara Gonçalves da Silva com o novo coordenador regional Marcos Miranda. Para Sandyara representar Monte Carlo no concurso é a realização de um sonho. “Representa um sonho muito grande que eu sempre tive. Até hoje eu não acredito que seja verdade, pois estarei representando a minha cidade num concurso em nível estadual. E além da beleza o concurso busca desenvolver projetos sociais para a cidade, em que eu e o Mister Adriano estaremos envolvidos”. Para Adriano Cordeiro, é uma honra representar Monte Carlo, além de realizar um sonho que sempre alimentou. “Para mim é a realização de um sonho disputar este título. Estou me esforçando ao máximo para representar Monte Carlo que é o município onde me criei e vive toda a minha família. Eu recebi o convite por Luiz Bozzano que é o diretor do concurso e fui selecionado. O lema do

concurso que é “Beleza com Propósito”, que nos leva também a beneficiar nossa cidade com projetos sociais, vamos sentar com a nossa prefeita e estudar qual a melhor ação em prol da nossa comunidade. É uma honra muito grande representar o meu município. Os preparativos estão bem concorridos, estou recebendo ajuda de vários patrocinadores, academia, dentista e outros”. Os atuais Mister e Miss SC são Danthy Meireles de Fraiburgo e Thylara Brenner de Balneário Camboriú. Os atuais Mister e Miss Brasil são Matheus Song de Joinville SC e Gabriela Vilela do Rio de Janeiro. Santa Catarina já venceu 03 vezes o concurso nacional Miss Brasil Mundo: Em 1986 com Roberta Pereira da Silva – Itajai; em 2002 com Taíza Thomsen Severina –Joinville; e em 2007 com Regiane Andrade – Sao Bento do Sul.


14

Educação

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

“Profissão sem discriminação” Foto: Paula Contilio/O Celeiro

Campanha é realizada com alunos do terceirão da EEB Paulo Blasi. Por meio da disciplina de filosofia, alunos do Terceiro Ano do Ensino Médio Inovador da Escola de Educação Básica Paulo Blasi participam da Campanha “Profissão sem discriminação”. O intuito é sensibilizar para a importância da escolha da profissão por vocação e identificação pessoal com a atividade exercida, não apenas visando a remuneração salarial, afirma o professor de filosofia Cleyton Luiz Silva. “O projeto realizado com alunos do terceiro ano do ensino médio inovador da Escola Paulo Blasi tem por objetivo gerar neles uma conscientização sobre a questão profissional que vem sendo muito distorcida nos últimos tempos, gerando preconceito em relação a determinadas atividades profissionais. Há também uma confusão que as pessoas fazem em relação à profissão e salário. Muitos não procuram por uma profissão, mas apenas a remuneração. Nossa intenção é fazer com que as pessoas se sensibilizem que profissão é muito mais que salário, é uma prática da vida”. Para professor Cleyton, quando uma pessoa coloca a remuneração salarial antes da felicidade e de sua estabilidade emocional, geram-se frustrações. “Então a gente

tenta gerar nesses jovens desde muito cedo uma sensibilização da importância desta decisão, da não distorção de emprego/profissão e remuneração. A campanha também tem o objetivo de não haver a discriminação de qualquer atividade profissional”. A campanha prevê que uma vez serão promovidos encontros com profissionais das mais variadas atividades, visando ainda o encaminhamento dos jovens que estão concluindo o ensino médio e pretendem cursar o ensino superior, ingressando no mercado de trabalho. A estudante Joana de Jesus entende que o projeto além de incentivar a escolha da profissão por vocação, mostra que todas as atividades são dignas. “As pessoas tem que fazer o que elas gostam, não por uma renda ou porque seus pais querem que você execute determinada atividade. Também nós temos uma questão empoderada nisso, pois temos o lema que é “profissão não tem gênero”, para mostrar que as mulheres podem fazer tudo que elas querem e nesta questão nos dirigimos principalmente ao público masculino, que ao invés de discriminar ou rebaixar suas filhas esposas e colegas de trabalho, que nos ajudem a crescer. E também mostra que uma profissão não é mais nem menos que outra, todas embasam umas às outras, todas são dignas”, ressaltou Joana.....

A Comunidade Santa Rita -Sarandi e o Pe.Alexandre de Nardi Biolchi, convidam você e sua família para a Festa em honra a Padroeira Santa Rita e em comemoração aos 10 anos de Ordenação Sacerdotal do Pe.Alexandre, dia 11 de março com missa ás 10h30,ás 12 hrs. Almoço (venda de churrasco, e serviço de cozinha) á tarde jogos e diversões.Venha celebrar conosco... A Comissão da Capela Nossa Senhora de Fátima do bairro Jardim Bela Vista, convida o povo em geral para um grandioso Bingo dia 0704-18 com início ás 20 hrs. Com ótima premiação.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Empresarial

15

Profissão e vocação pela construção civil Fotos: Dilvulgação/FZ Engenharia

O Engenheiro Civil Fábio Ernani Zortéa, proprietário da F.Z. Engenharia, fala de sua escolha pela profissão e da área de atuação, avaliando também a situação do setor em Campos Novos, que segundo ele segue em expansão. Confira a entrevista. O Celeiro - Há quanto tempo a empresa F.Z. Engenharia atua no mercado e área de abrangência do trabalho? Pessoalmente eu trabalho no setor da construção desde 2000, na construtora da família, na época eu era recémformado em Administração pela UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina). Depois de 10 anos de experiência no setor resolvi me dedicar à formação de Engenheiro Civil na UNOESC (Universidade do Oeste de Santa Catarina. Formei-me em 2015, quando acabei por abrir minha própria construtora, a F.Z. Engenharia, dedicada a projetos e construções residenciais e comerciais. Desenvolvemos todos os projetos necessários para a construção, desde o 3D, o arquitetônico, hidrossanitário, elétrico, estrutural, projetos preventi-

Fábio Ernani Zortéa, Engenheiro Civil

vo contra incêndios e em breve especialização em Patologias da Construção Civil, Perícias e Recuperação de Estruturas. Hoje trabalhamos eu e uma desenhista estudante de arquitetura Celi Mecabô. O Celeiro - Porque da escolha do ramo da construção civil? Talvez esteja no sangue. A tradição da família Zortéa neste ramo vem de mais de meio século. A construção civil é um ramo muito gostoso, muito prazeroso de se trabalhar. A gente trabalha com criação, com diferentes clientes, tem que atender a expectativa de cada cliente, todo dia é um novo desafio, por mais que uma obra se assemelhe à outra, não existem duas obras iguais. Realmente amo ver o produto ser criado, ser desenvolvido e depois vê -lo sair do papel, acompanhar cada etapa da obra desde a terraplanagem, fundação, levantamento e acabamentos. O Celeiro - Com a atual situação econômica do país, o setor tem se mantido aquecido? As construções habitacionais no Brasil como um todo são muito dependentes dos recursos de financiamento.

Quando há dinheiro disponível e juros baixos, então existe procura por pessoas querendo adquirir imóveis próprios. Houve um desaquecimento nessa procura no ano passado principalmente decorrente do forte desemprego e da instabilidade política brasileira, fazendo com que sobrasse imóveis à venda. Este ano de 2018 começou melhor, a principal financiadora imobiliária, a Caixa Econômica Federal, tem muitos recursos disponíveis a juros baixos. Pensando em Brasil, ainda há muita oferta de imóveis que estão à espera de compradores, mas na nossa região, como não tem grandes construtoras, nem grandes empreendimentos, a maioria dos imóveis em construção já está vendida. O Celeiro - Como vê a expansão do setor em Campos Novos? Campos Novos é uma cidade que está em constante expansão. Investidores veem com bons olhos nossa cidade. Veja quantos loteamentos novos estão saindo. Esses novos loteamentos, junto com os loteamentos que já estão prontos estão colocando a nossa disposição mais de 2000 lotes. Todos com infraestrutura completa. É um desafio à administração pública acompanhar essa crescente demanda, pois tem que fornecer água potável para todos os pontos da cidade, coletar lixo, fornecer eletricidade, coletar e tratar o esgoto, construir escolas, creches, postos de saúde, enfim, conforme a cidade cresce, a municipalidade tem que acompanhar. A construção civil é o um setor que movimenta toda a economia, emprega profissionais da construção como pedreiros, carpinteiros, eletricistas, engenheiros e também emprega pessoas de nenhuma qualificação. Injeta dinheiro

externo no mercado interno, movimenta o comércio direto como lojas de materiais de construção e o comércio indireto como supermercados, lojas de roupa, oficinas, entre outros setores. Enfim, acredito mesmo que nossa cidade continuará crescendo e creio que esse crescimento trará melhoria na qualidade de vida de nossa população.

Os organizadores convidam a todos para festa em Honra a Nossa Sr.ª de Lourdes, a realizar-se no dia 11/02/2018 com a seguinte programação: 10:30 hs: Santa Missa; 12:00 hs: Churrasco e venda de bebidas em geral. Também convidam a todos para a novena a realizar-se de 02 a 10 de fevereiro, com início as 19:00hs. Os organizadores convidam a todos para participar de Torneio de Pesca, que acontecerá no dia 04/03/2018 no Pesque e Pague Braz Cardoso, no Ibicuí. Para maiores informações e para efetuar sua inscrição: na Top Sport, Lanchonete Serpa (falar com Gordo), ou nos telefones: 98826-1628 (Braz) ou 99984-4255 (Carmem).


16

OC

Opinião

Projeto proporcional Um almoço em Florianópolis reuniu os partidos que estão alinhados com a précandidatura de Gelson Merisio (PSD) ao governo do Estado. Presidentes e detentores de mandatos de PP, PSB, PDT, Podemos, PRB, PSC, Solidariedade, PROS e até de um possível aliado, o PCdoB, conversaram sobre estratégias e propostas para a eleição deste ano. Os deputados Silvio Dreveck (PP) e Natalino Lazare (Podemos), além de Paulinho Bornhausen (PSB) e o ex-ministro Manoel Dias (PDT), entre outras lideranças, destacaram a importância do bloco caminhar unido, como fez até aqui, em especial pela possibilidade de mais partidos se agregarem ao projeto até agosto. Fica clara a estratégia deste bloco. Tentar eleger a maioria dos deputados estaduais que assumirão em 2019. Pelo menos 21 nomes, considerando-se que o PSD projeta eleger entre oito e nove deputados; o PP até cinco (podendo chegar a seis), PDT e PSB, entre dois e três, Podemos de um a dois e também a manutenção da cadeira de Narcizo Parisotto (PSC).

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Erro histórico

Presença

A lei federal nº. 13.617/2018, sancionada pelo presidente Michel Temer em 11 de janeiro de 2018 e publicada no Diário Oficial da União de 12 de janeiro, atribui, equivocadamente, ao município de Santa Teresa, no Espírito Santo, o título de “Pioneiro da Imigração Italiana no Brasil”, que de fato pertence à Colônia Nova Itália, no município de São João Batista, Santa Catarina.

Destaque também para a participação da exdeputada estadual Angela Albino (PCdoB), do deputado Narciso Parisotto (PSC) e do presidente do PRB em SC, Sérgio Motta. Merisio organizou o encontro, mas não pode participar. Viajou para São Paulo para um compromisso particular.

Apoio

Fator Itajaí Merisio e o PP vão fazer força para que o ex-prefeito de Itajaí, Jandir Bellini, dispute cadeira na Alesc. Consideram que as chances de ele se eleger são muito grandes. Evidentemente que o retorno do ex-prefeito de quatro mandatos não atrapalharia o projeto do vereador Thiago Morastoni (MDB), filho do atual prefeito, Volnei Morastoni. Bellini tiraria votos da tucana Anna Carolina, ex-vereadora e candidata a prefeita em 2016.

Magistrados

A fim de corrigir o erro, cresce no Estado o movimento político para que o presidente revogue o decreto e edite outro, fazendo justiça ao Estado. O historiador Paulo Vendelino Kons é o Coordenador do Movimento “SC Requer a Correção do Erro Histórico”. O senador Dalirio Beber também já aderiu ao grupo.

Mulher presidente A defensora Ana Carolina Dihl Cavalin assume nesta quinta-feira, Dia Internacional da Mulher, o comando do órgão responsável pela assistência jurídica gratuita à população carente de Santa Catarina. Ela substituirá o defensor público-geral Ralf Zimmer Junior, que assumiu o cargo em setembro de 2016.

A nova diretoria executiva e os conselhos deliberativo e fiscal da Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC) serão empossados no dia 10 de março, às 10h30, na sede administrativa da entidade, em Florianópolis. Eleita em dezembro do ano passado, a juíza Jussara Schittler dos Santos Wandscheer assumirá a presidência da AMC, juntamente com o juiz Vitoraldo Bridi (1º vice-presidente) e o desembargador aposentado Alcides dos Santos Aguiar (2º vice-presidente).

Com a Adjori você fala com todo o Estado

www.adjorisc.com.br twitter.com/adjorisc

facebook.com/Adjorisc

(48) 3298-7979

Horóscopo Semanal Áries

20/03 a 20/04 Congratule-se pela brilhante estrelinha que o guiará nestes dias. No plano profissional e material: Toda a energia positiva que o cerca o levará a fazer algumas mudanças na sua vida profissional. Esta é uma semana ótima para pôr em dia trabalho atrasado. Sentirá que esta semana é produtiva e compensadora.

Touro 21/04 a 20/05 Enfrente as situações. Não conte com a ajuda dos seus amigos para a resolução dos seus problemas. No plano profissional e material: Pode ser convidado de forma inesperada a desempenhar tarefas de chefia. Negocie bem e desde o início imponha as suas condições. Os projetos imobiliários a longo prazo não estão favorecidos neste momento.

Gêmeos

21/05 a 20/06

Evite discussões mais acaloradas, pois pode motivar o afastamento de pessoas que são queridas. No plano profissional e material: Se acredita que as suas ideias podem revolucionar o bom desempenho das suas tarefas ou mesmo fazer com que a sua carreira tome um rumo mais positivo, não hesite em as expor. Quem não arrisca não petisca diz o ditado.

Câncer

21/06 a 21/07

A pressão que irá sentir nestes dias será extremamente forte e deverá fazer um esforço para se auto-controlar. No plano afetivo: Os astros não estão favoráveis. Não se manifeste, tome uma atitude extremamente discreta. O seu nervosismo pode levá-lo a discussões inúteis e sem fundamento. Reflita sobre os sentimentos que os outros possam nutrir por você.

Fonte: http://www.portalangels.com/

Leão 21/07 a 22/08 Se tem dúvidas nas suas relações, será melhor discuti-las de coração aberto com as pessoas em questão. No plano afetivo: Não subestime a sua personalidade, se está apaixonado declare-se de uma vez por todas. Não tenha receio de dizer o que sente. Se possui uma relação estável não se limite na forma como aborda o seu parceiro. Abra caminho para a felicidade mútua.

Virgem

23/07 a 22/09 Uma nova relação afetiva poderá trazer uma maior auto-estima e confiança em si próprio. No plano afetivo: No amor o destino constrói-se. Seja doce e uma fonte de inspiração e admiração do seu parceiro. Inicia um novo ciclo na sua vida amorosa, próspero repleto de surpresas e em que terá de tomar várias decisões que serão cruciais.

Libra 23/09 a 22/10 A descoberta de um novo amor fará esquecer os problemas cotidianos e questões de âmbito profissional. No plano profissional e material: Estão protegidos especialmente os nativos que estão abraçando mudanças de carreira ou novas orientações profissionais. Entrará num novo ciclo de vida profissional, próspero em surpresas e desafios que alimentam o ego.

Escorpião 23/10 a 21/11 A paixão com que tende a envolver as suas atuações levam-no tentar realizar os seus sonhos. No plano profissional e material: Vai se sentir repleto de energia e vigor para abraçar novas tarefas e seguir com os seus projetos em frente. Aproveite ao máximo esta boa onda para no campo financeiro fazer investimentos a longo prazo.

Sagitário 22/11 a 21/12 As suas qualidades permitem ultrapassar quaisquer conflitos nas suas relações com os outros. No plano profissional e material: Não coloque entraves a si próprio, combata tudo o que não lhe agrada de forma corajosa. Tenha especial atenção a tudo o que se passa ao seu redor. Terá bons indicadores economicos, no entanto cuidado com novos investimentos.

Capricórnio 22/12 a 20/01 Valorize-se para fazer crescer em si uma maior auto estima e autoconfiança. No plano afetivo: Revele o seu amor à pessoa que ama. Da reação que obtiver poderá tirar as suas conclusões e afastar as dúvidas incutidas por terceiros. Se vive em comum faça um esforço para tornar estes dias o mais harmoniosos possível.

Aquário 21/01 a 18/02

Terá todas as oportunidades para fazer valer as suas opiniões e ideias desde que respeite igualmente as dos outros. No plano afetivo: O excesso de autoconfiança poderá dar origem a conflitos desnecessários. Não magoe o ser amado, tente compreender os seus pontos de vista. Em família, não opine sobre questões que não lhe dizem diretamente respeito.

Peixes 19/02 a 19/03 O entendimento familiar será a nota dominante da semana. No plano afetivo: Sentirá nestes dias uma forte necessidade de se sentir rodeado, amado e um pouco mimado. Estará mais apaixonado que nunca, mas pare de ser possessivo, não é a melhor forma de afirmar os seus sentimentos. Dê-se para poder receber em retorno.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Cultura

17

Cantora Ana Paula Silva realiza show de lançamento do álbum Raiz Forte em Campos Novos Fotos: Paula Contilio/O Celeiro

A cantora, compositora, intérprete e produtora Ana Paula da Silva tem seis álbuns produzidos e 21 anos de carreira. Em entrevista ao Jornal o Celeiro, a cantora falou sobre o projeto. “O Raiz Forte é meu álbum mais autoral, o show é bem fiel ao disco, todos os arranjos foram feitos costurados com a voz e o violão. Dentro dele temos os ritmos brasileiros, a gente traz um pouco de samba, maracatu, ewá e até um ritmo do país vizinho, que é candongue do Uruguai. Todo o programa é inédito, são canções autorais, praticamente o disco inteiro”. Ana Paula da Silva é compositora, intérprete e produtora de sua obra e de outros projetos culturais. Lançou e produziu seis álbuns, um songbook e realizou shows e turnês no Brasil e exterior. Raiz Forte traduz a força do canto, da composição e o mergulho profundo que a artista catarinense Ana Paula da Silva traz em seus projetos durante estes 20 anos de carreira. Madura, apresenta seu lugar, sua poesia, sua terra natal, seus ancestrais, tudo envolvido pelas águas catarinas, seu violão

sua voz e sua raiz. Como em todos os outros álbuns Raiz Forte é uma obra delicada com identidade, com vários arranjos desenvolvidos em costura com a voz e o violão. O encarte traz a ilustração do amigo de Ana Paula e artista plástico Humberto Soares que traduziu com maestria o desejo de Ana nascer com as raízes, virar mulher e tudo nascer pelos cabelos. A cantora também falou sobre o atual momento da música brasileira. “Quando você diz que é brasileiro, músico brasileiro, o mundo sempre olha e diz que lindo, porque nós somos muito mais que música comercial. Nós estamos carentes

de educação dentro da escola, ainda vivemos uma pós-ditadura, onde o Brasil se esquece do Brasil complemente, onde a música sai da escola, a arte sai da escola. Então você trabalhar num país imenso como o nosso desta forma fazendo uma música autoral e independente que é a maioria dos artistas, é um desafio e um prazer. Trabalho muito com meu ritmo, mas para mim sempre existirá a MPB”. O disco conta com os músicos: Davi Sartori (Piano), Willian Goe (Bateria e Percussão), Robertinho Silva (Percussão) e traz a voz de Clara Da Silva, filha de Ana. Também conta com um coro especial de cantoras da cidade de Itajaí – SC.

O álbum será distribuído pela Tratore no Brasil e estará nas plataformas de música pela internet.


18

Notícias

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

RCN - 460 | Edição de Março 2018 | Semana II | www.rcnonline.com.br

SC SECOM/SC

GESTÃO EDUARDO PINHO MOREIRA

A nova cara do governo do Estado Ainda como governador em exercício, Pinho Moreira vem imprimindo um novo perfil na equipe de governo, com trocas de diretores e secretários Raimundo Colombo, governador licenciado de Santa Catarina, deve retornar em abril apenas para fazer a renúncia formal ao cargo, finalizando o processo de transição do comando do Executivo. A partir daí irá se dedicar à construção da candidatura ao Senado. Desde que assumiu como interino, Pinho Moreira já empossou sete novos secretários. Outros nomes, porém, ainda serão anunciados. A medida mais impactante foi a desativação de 15 Agências Regionais de Desenvolvimento (ADRs). O modelo de gestão descentralizada foi criado pelo emedebista Luiz Henrique da Silveira, enquanto governador. Na mesma oportunidade também foi anunciada a desativação de quatro secretarias executivas. Como justificativa, a economia de aproximadamente R$ 50 milhões anuais, entre folha de pagamento e manutenção das estruturas. A desativação de outras ADRs não está descartada, como revelou Pinho Moreira ainda em fevereiro. A Rede Catarinense de Notícias – RCN fez um levantamento apontando quem são os novos nomes de confiança do governo.

Secretaria de Segurança Pública: Alceu de Oliveira Pinto Junior Professor, formado em Direito pela UFSC. Mestre e doutor em Ciência Jurídica pela Univali, onde foi diretor e coordenador. Integrou a equipe de formulação do Curso de Bacharel em Segurança Pública. Coordenou os cursos de pós-graduação em Direito Penal e Direito Processual Penal, na Escola do Ministério Público/SC. Atuou como professor de Criminologia, Política Criminal e Didática do Ensino Superior.

Secretaria da Casa Civil: Luciano Veloso Lima Administrador, servidor da Casa Civil há 20 anos. Atuou como gerente de Recursos Humanos, diretor de Assuntos Administrativos e nos últimos anos como secretário adjunto da pasta.

Secretaria de Saúde: Acélio Casagrande Ocupava o cargo de secretário executivo de Articulação Nacional. Formado em Administração e Gestão de Recursos Humanos, com MBA em Gestão Pública. Começou a carreira política em 1993 como chefe de gabinete do ex-prefeito de Criciúma e atual

vice-governador, Eduardo Pinho Moreira. Posteriormente foi nomeado secretário municipal de Saúde e, mais tarde, secretário da Fazenda. Em 2001, eleito vereador em Criciúma. Foi deputado federal de 2007 a 2011. Entre 2011 e 2012 foi secretário de Articulação Nacional. Em seguida, assumiu como adjunto na secretaria de Saúde, até 2014. Posteriormente, voltou para a secretaria de Articulação Nacional.

Secretaria da Fazenda: Paulo Eli Formado pela UFSC nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Gestão Fazendária. Ingressou no serviço público em 1977. Em 1984 assumiu como Fiscal de Tributos Estaduais. Atua há 34 anos na Secretaria da Fazenda de SC. Secretário adjunto: Marco Aurélio Dutra. Era adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

Secretaria de Comunicação: Marcelo Mello Rego Formado em Engenharia, Economia e História. Foi diretor de Comunicação e Relações Externas da Cia Hering. Foi secretário de Comunicação Social da prefeitura de Blumenau por duas gestões e membro fundador e di-

Governador em exercício, Eduardo Pinho Moreira retor do Grupo dos Profissionais de Comunicação e Marketing de Blumenau. Deputado estadual de 1990 a 1994. Foi diretor de Desenvolvimento Econômico na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Integração ao Mercosul. Atuaou ainda como diretor de Divulgação por oito anos na Secretaria de Comunicação nos dois mandatos do governador Luiz Henrique. Secretária adjunta: Rejane Benvenuto Andrade

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável: Adenilso Biasus Formado em Direito com especialização em Direito Público.

Exerceu o cargo de procurador jurídico de diversos municípios e câmaras de vereadores da região Oeste. Foi professor universitário na área do Direito Constitucional. Eleito vereador de Xanxerê em 2013. Atualmente exerce a advocacia nas áreas pública e privada.

Secretaria de Assistência Social: Romanna Remor Assume o cargo no dia 12 de março. Formada em Relações Internacionais com ênfase em Política e Economia Internacional, com mestrado em Administração Pública. Eleita vereadora em Criciúma em 2008. Em 2011 assumiu por um período como deputada federal suplente.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

19

Esporte

08 de Março de 2018

Primeira Etapa do Catarinense de Motocross em Campos Novos Foto: Paula Contilio/O Celeiro

evento deste porte, pois eleva a economia local, com o movimento da rede hoteleira, gastronomia, mercados e comércio de modo geral. Além de ajudar as entidades, com os stands da praça de alimentação”, relata. De acordo com o secretário de Indústria e Comércio Ademir Bebber, o evento superou as expectativas e elevou o nível do município. “O nível da competi-

ção nos surpreendeu, quero agradecer a administração municipal pelo apoio, as nossas secretarias pelo envolvimento e o pessoal do Moto Clube Bixo do Mato pela organização. Iniciamos as comemorações com o pé direito e com isso agrega muito para a comunidade”, salienta. O evento contou com apoio do Moto Clube Bixo do Mato e da Rádio Simpatia FM.

Confira os resultados: Campeonato marcou o início das comemorações dos 137 anos do município. A primeira etapa do Campeonato Catarinense de Motocross, realizado no último final de semana (03 e 04), marcou de forma positiva o início das comemorações dos 137 anos de Campos Novos. Pilotos de 5 estados do Brasil participaram desta etapa, quase 200 pilotos estiveram no município. Competidores, equipes, empresas patrocinadoras, autoridades elogiaram a infraestrutura da competição, bem como da pista apresentada. “A estrutura está

muito boa, o nível da pista é profissional”, comentou o piloto paranaense Jean Ramos. O prefeito Silvio Alexandre Zancanaro enalteceu o trabalho de todos os envolvidos para que o evento acontecesse, e disse que para Campos Novos é um avanço muito grande uma competição deste nível, sabendo que tem pilotos do sul e sudeste do Brasil. “Quero agradecer o empenho e dedicação de todos os envolvidos, secretários, colaboradores, também o pessoal do Moto Clube Bixo do Mato, pois sem o esforço deles, essa etapa não aconteceria aqui. É muito importante que Campos Novos esteja recebendo um

>Categoria MX Elite: 1- Fábio Aparecido dos Santos; 2- Jean Carlo Ramos: 3- Rafael da Silva Farias. >Categoria MX 2: 1- Jean Carlo Ramos; 2- Fábio Aparecido dos Santos; 3- Rafael da Silva Farias. >Categoria Nacional: 1- Tallys Nathan Silva Brito; 2- Cássio Anacleto Espíndola; 3- Admilton Farias. >Intermediário MX 1: 1- Cássio Anacleto Espíndola; 2- Renan Coldebella; 3- Walter Sergio Tardin. >Intermediário MX 2: 1- Gabriel Bohrer Andrigo; 2- Gabriel Gelsleister; 3- Pietro Pimentel. >Categoria MX 1: 1- Jean Carlo Ramos; 2- Fábio Aparecido dos Santos; 3- Maicon Frena. >Categoria MX4: 1 Milton “Chumbinho” Becker; 2 Walter Sergio Tardim; 3 Erivelto Nicoladelli; >Categoria MX5: 1Claiton Detoni; 2 Ricardo Kamencic Agut; 3 Airton Maso; Categoria >55cc: 1 Angelo Gabriel Gonçalves; 2 Eduardo dos Santos Mielke; 3 Felipe Martini Taska. *Informações: PMCN


20

Abdon Batista

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Asfalto de Abdon Batista a comunidade de Santo Antônio se torna realidade Fotos: Divulgação/PMAB

Asfalto de Santo Antônio Obras de pavimentação asfáltica que liga o centro de Abdon Batista até a comunidade de Santo Antônio estão concluídas. Na segunda-feira (05) o Prefeito Lucimar Antônio Salmória e o vice Altair Busnello (Ile) acompanharam os serviços no local. "Esse era um sonho que para muitos parecia inatingível, ter a ligação do município de Abdon até a comunidade de Santo Antonio pavimentada, e hoje temos

Asfalto Linha Dalpiva esse sonho concretizado, a parte de pavimentação que faltava está praticamente concluída. Uma grande conquista para os moradores do município de Abdon Batista. Foram investidos recursos próprios, frutos de uma grande economia e da boa gestão do dinheiro público", enfatiza o prefeito Lucimar Salmoria. Em novembro do ano passado a Administração Municipal de Abdon Batista através da Secretaria de Obras realizou os trabalhos de preparação da base

para asfalto, com alargamentos para instalação de bueiros no trecho de 800 metros de extensão.

Acesso asfáltico Linha Dalpiva concluído Foram concluídas nessa segunda-feira dia 05 de março as obras pavimentação asfáltica da ponte existente no início da Linha Dalpiva até a COHAB 1. O serviço havia sido iniciado em

2017, mas devido às chuvas foram interrompidos. Ainda nas etapas anteriores o local recebeu rede de água, drenagem pluvial e saneamento básico. "Estamos mantendo o projeto de reurbanização do perímetro urbano do nosso município de forma organizada. Assim o nosso Abdon vai caminhando rumo ao desenvolvimento. Vale destacar que o recurso da obra é inteiramente próprio", enfatiza o prefeito Lucimar Antônio Salmória.


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

21

Vargem

08 de Março de 2018

Gestão e compromisso Fotos: Wilhiam Peretti/O Celeiro

Primeiras obras de pavimentação asfáltica são inauguradas em Vargem. Foi realizada na terça-feira, 06, às 13h30min, em frente à Prefeitura Municipal, a inauguração das primeiras obras de pavimentação asfáltica no município de Vargem. O ato contou com a presença de autoridades locais e da região, vereadores, secretários municipais, prefeitos e vice -prefeitos, representantes da Polícia Civil, Militar e Corpo de Bombeiros, do Secretário Executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), Jairo Luft, do pastor Maicon Kunrath e do pároco da Paróquia São Judas Tadeu, Padre Edomar Carpeggiani, entre outras lideranças. Foram inauguradas as obras da Rua Vitorino Chiochetta, que foi pavimentada por meio de convenio com o Governo Federal com investimentos superiores a R$ 300 mil e as Ruas Antonio de Araújo e Benjamin Margott. Nas duas últimas ruas, o investimento foi de R$ 935.299,54, sendo R$ 835.035,46 recursos do Fundo de Apoio ao Município (Fundam) e R$ 100.264, 11 recursos próprios do município. Com dois aditivos de contrato, um de R$ 15 mil para alargamento da Rua Antonio de Araújo e outro de R$ 38.683,92 para implantação de saneamento básico e rede de água, as obras iniciaram 1º de novembro de 2017 e o prazo de entrega era 1º de julho de 2018, sendo concluídas com antecedência. A inauguração representou um marco para o município de Vargem, salientou a prefeita Milena Becher, um salto em qualidade de vida para a população vargense. “É uma satisfação para nós podermos inaugurar as primeiras pavimentações asfálticas da cidade. Isso representa muito mais do que construir acessibilidade para as pessoas, locomoção facilitada e a segurança. O que nós percebemos é a autoestima do povo sendo resgatada. A partir do momento que você consegue ver

Milena Becher, Prefeita de Vargem

vimentação de mais 4 ruas do perímetro urbano, obras que dependem de recursos do Fundam 2. “Isso também vai depender da liberação do Fundam 2 que é uma promessa de governo à todos os municípios catarinenses. Todos os prefeitos e prefeitas do estado estão contando com esses recursos para poder viabilizar mais obras”.

Outros investimentos

a mudança estrutural de uma cidade, as ações começam a acontecer de uma forma muito mais dinâmica. E temos também que levar em consideração o embelezamento, ter um clima agradável para viver, tudo isso influencia na qualidade de vida das pessoas e é o que nós temos buscado fazer”. Os investimentos que foram viabilizados com recursos próprios da prefeitura neste projeto somam mais de R$ 200 mil, resultado de esforço e economia ressaltou ainda a prefeitura de Vargem, que também reforçou a participação do Governo do Estado. “O recurso nós fomos buscar junto ao Governo do Estado e aqui agradeço o empenho do então Secretário Nelson Serpa, que nos auxiliou para que resgatássemos a verba do Fundam 1 e ainda tivemos investimentos de cerca de R$ 250 mil em recursos próprios, que viabilizamos com economia, esforço e alinhamento da equipe numa gestão séria e comprometida. Desta forma conseguimos economizar e fazer um superávit, fechando com um saldo positivo, o que nos permitirá investir ainda mais em nossa cidade”, informou Milena.

Conforme a gestora, a Administração Municipal já trabalha na formatação de novos projetos visando a pa-

Na oportunidade Milena Becher também anunciou investimentos na construção de passeios em mais 5 quadras da área urbana de Vargem, além da aquisição de implementos agrícolas para fomento à produção leiteira. Conforme a prefeita, também já foi concluída a cabeceira da ponte da Comunidade de Marodin e junto à Defesa Civil do Estado, foi viabilizada a aquisição de uma plataforma de concreto. “Teremos então a nossa primeira ponte de concreto das comunidades do interior, que será na comunidade de Marodin”.

Restauro externo da Igreja São Judas Tadeu é concluído Prefeita Milena informou ainda à população que foi concluído o restauro externo da Igreja São Judas Tadeu em Vargem, tombada como patrimônio histórico nacional. Para viabilizar o restauro interno, há necessidade de que se crie o Departamento Municipal de Turismo, a fim de viabilizar a captação de recursos, fomentando desta forma o turismo religioso. “Concluímos a restauração da parte externa e estamos finalizando toda a Praça do entorno desta Igreja com luminárias novas, postes novos, para o embelezamento e segurança da nossa comunidade. Além disso, também temos um projeto junto à Câmara de Vereadores para que possamos novamente concretizar o sonho de incluir Vargem no mapa turístico e captar recursos para o restauro interno da Igreja”, concluiu a gestora.


OC 22 Copercampos amplia Projeto Social Alegria de Viver – Revelando Talentos em 2018 Comunidade

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Fotos: Divulgação/Comunicação/Copercampos

Projetos sociais da Copercampos reiniciam em toda a região. Neste ano, são seis municípios participantes, além de maior participação de entidades e escolas de toda a região. AMA, APAE e ACADAV receberão oficinas. Promover a inclusão comunitária e possibilitar novas oportunidades, especialmente às crianças, jovens, adultos e idosos é um dos objetivos da Copercampos, com o Projeto “Alegria de Viver – Revelando Talentos”. Desde o dia 1º de março, a cooperativa, juntamente com entidades e escolas parceiras do projeto retomaram as atividades. Neste ano, serão desenvolvidas 13 oficinas, com destaque para a ampliação do projeto. Em 2017, o Alegria de Viver atendeu 25 entidades/escolas, porém, em 2018 são 36 instituições atendidas, com destaque para a inclusão da Associação de Pais e Amigos dos Autistas – AMA que terá oficina de dança, APAE de Campos Novos que receberá a oficina de Atividades Físicas e Esporte Adaptado e a Associação Camponovense de Apoio aos Deficientes Auditivos e Visuais (ACA-

DAV) que receberá a oficina de Pilates, além de participação de escolas de Zortéa e Capinzal. De acordo com o Diretor Presidente da Copercampos Luiz Carlos Chiocca, a cooperativa decidiu ampliar o projeto para atender novas comunidades da região de atuação da cooperativa. Além de Brunópolis, Campos Novos, Campo Belo do Sul e Ituporanga, que já contavam com oficinas do Alegria de Viver – Revelando Talentos, a Copercampos desenvolverá projetos nos municípios de Zortéa e Capinzal, todos em Santa CataLuiz Carlos Chiocca rina. “No ano de 2017 atendemos mais de 2 mil pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos. Em 2018, estamos ampliando essa participação comunitária com mais entidades em outros municípios, além de ampliarmos o número de instituições participantes de 25 para 36, para que a Copercampos contribua também com o desenvolvimento social dos municípios e também educacional, moral e cívico das pessoas. Estamos em novos municípios e também no interior de Campos Novos, por meio da parceria com a Fundação Cultural com oficinas em Dal Pai e Encruzilhada, então, a Copercampos está fazendo sua parte e promovendo a cidadania em toda a região”, ressaltou Chiocca. A expectativa é que mais de 2,5 mil pessoas sejam atendidas nas 13 oficinas que acontecerão durante todo o ano de 2018. A oficina “Canto da Melhor Idade”, será desenvolvida no Centro de Convivência Padre Quintilho Costini. Na Associação Atlética Copercampos a oficina de Futsal é destinada para crianças de 5 a 13 anos e as aulas são realizadas no ginásio de esportes da Escola Santa Julia Billiart e no Instituto Auxiliadora. A APAE de Campos Novos recebe a oficina de Atividades físicas e esporte adaptado; A oficina de Bate-lata acontecerá nas EEB. Cel. Gasparino Zorzi e Paulo Blasi; Já a oficina de Dança atenderá a CEIM Caio Pisani, CEIM Mundo Encan-

tado, CEIM Eliete Teixeira Lopes, CEIM Pequeno Anjo; CEIM Padre Armando da Costa, Pré-escola A Caminho do Futuro, GEM Jardim Bela Vista, CEIM Marilene Rupp Bagatini, Escola Lírios do Campo, e a Associação dos Pais e Amigos dos Autistas de Campos Novos - AMA. A oficina de Invernada Artística será desenvolvida no CTG Porteira Camponovense de Campos Novos e na Associação Sociocultural das Mulheres Cavalarianas de Campos Belo do Sul. Em Ituporanga acontece a oficina de Judô. A oficina de Musicalização será realizada no Centro de Educação Infantil Municipal Sonho Infantil e Centro Educacional Potencial de Campos Novos. A oficina de Música acontece nas escolas EEB. Prof. Antônia Correa Mendes, EMEF André Rebouças, EEB. Henrique Rupp Júnior, EEB. José Faria Neto, EMEF Santa Júlia Billiart, Fundação Cultural (Encruzilhada e Dal Pai) em Campos Novos, na Escola Major Cipriano R. de Almeida de Zortéa, escola Prefeito Augusto Carlos Stefanes de Brunópolis e Escolas São Cristóvão e Ernesto Hachmann de Capinzal. As oficinas de Patinação serão realizadas na EMEF Novos Campos e Caic Nair da Silva Griss de Campos Novos. A oficina de Xadrez acontece no GEM Waldemar Rupp e Instituto Auxiliadora. A oficina de artes marciais Kickboxing é destinada para crianças de 7 a 13 anos e acontecerá na Academia Biodinâmica. As oficinas de Kickboxing, Futsal e Invernada Artística do CTG Porteira Camponovense, todas realizadas em Campos Novos, tem inscrições abertas à comunidade. Mais informações devem ser obtidas nos locais de realização das oficinas. (Invernada Artística: segundas e terças-feiras a partir das 19hs no Galpão Crioulo); (Futsal: Escola Santa Julia Billiart de segunda a sexta-feira após às 17h30min, e no Instituto Auxiliadora aos sábados na parte da manhã com o instrutor Mauro França). *Informações: Comunicação/Copercampos


OCELEIRO

www.jornalceleiro.com.br

08 de Março de 2018

Agronegócio

23

Alternativa de geração de renda e diversificação na pequena propriedade rural Fotos: Paula Contilio/O Celeiro

Projeto piloto no país ”Trailers da Agricultura Familiar”, será lançado pela Administração Municipal neste sábado em Campos Novos. Diante da necessidade de se obter uma fonte de renda mensal, aliada a oportunidade de gerar autonomia econômica despertou nos agricultores e na Secretaria de Agricultura Pecuária e Meio Ambiente de Campos Novos, a iniciativa de organizar feiras no município. Com este propósito surgiu o projeto denominado de ”Trailers da Agricultura Familiar”. Conforme o Secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente João Batista Ramos de Almeida (Tita), diante desta necessidade, todos os esforços da nova administração foram concentrados neste sentido. “Vinculamos todos os esforços para a agricultura familiar, no sentido de segurar o jovem no campo, incentivando a sucessão familiar, que tenha renda, que viva dignamente desta renda, que tenha lá no campo toda a estrutura de um jovem que vive na cidade”. O projeto será lançado no sábado, 10, às 11h na Praça Lauro Müller, quando já terá início a venda dos produtos oriundos da Agricultura Familiar. A intenção para início do projeto é que os “Trailers da Agricultura Familiar” estejam todos os sábados concentrados na Praça, e, futuramente, ampliando para bairros e comunidades rurais, com feiras itinerantes. O projeto vem sendo planejado desde fevereiro de 2017 e será entregue com recursos próprios do município por meio de economia da Secretaria Municipal de Agricultura. Foram investidos em cada trailer, R$ 19.603,00. No município de Campos Novos já existe uma pequena feira de agricultura familiar localizada na Casa do Agricultor, junto às dependências da Secretaria, na qual um dos maiores desafios, salientados pelos agricultores/feirantes é a pouca divulgação, espaço inadequado e baixa procura pelos produtos. Esse é o aspecto do

projeto “Trailers da Agricultura Familiar”, divulgação dos produtos comercializados e desenvolver junto com os agricultores novas estratégias de organização, venda e de agregação de valor aos produtos. “Amadurecemos isso, conversando com os próprios produtores, surgiu a ideia de um trailer e viu-se que era uma proposta viável e havia condições de investir recursos da Secretaria com retorno aos agricultores”, salientou João Batista Ramos de Almeida. O projeto foi apresentado junto ao Ministério da Agricultura e como não existia objeto “trailer para comercialização”, a inclusão foi viabilizada pela pasta para apoio neste ano de 2018, criando-se este projeto inédito no país em Campos Novos. “Para alegria nossa, agora neste ano de 2018 no MAPA (Ministério da Agricultura), apareceu a possibilidade de cadastrar feiras itinerantes. Porém, não ficamos aguardando o governo e ano passado com recursos próprios fizemos a aquisição destes 7 trailers. Agora vem a segunda parte que é o treinamento dos nossos agricultores. Ano passado já fizemos o cadastramento e em janeiro já lançamos o decreto definindo os critérios de utilização pelos agricultores”, informou o prefeito Silvio Alexandre Zancanaro. A estrutura contempla um trailer cozinha e 6 trailers expositores, podendo atender até duas famílias por espaço con-

templando 14 famílias de agricultores familiares. Todos os produtos atenderão as normas sanitárias e os produtores pagarão as taxas previstas como ambulantes, definidas em 5 UFM (Unidade Fiscal Municipal) por dia, que não chega a R$ 20,00. Os trailers contam com dispositivos de frios e congelados, tudo planejado dentro das normas sanitárias. A plotagem foi feita com fotos dos próprios agricultores em suas próprias propriedades rurais. Agricultores interessados podem se cadastrar junto à Secretaria Municipal de Agricultura. Segundo explica o diretor de Departamento da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, Diego Gelson da Silva, o projeto valoriza a produção da agricultura familiar e incentiva a produção de orgânicos, além da permanência do jovem no meio rural. “Hoje em dia não é fácil manter o jovem no campo e uma das grandes alternativas que temos para mantê-los é mostrar que

esse trabalho é digno e que os consumidores precisam que eles permaneçam no meio rural e produzindo, com alternativas saudáveis e melhorando a qualidade de vida de todos”. A feira contemplará uma grande variedade da produção familiar, como embutidos, hortifrutigranjeiros e artesanato, entre outros. A agricultora Madalena de Fátima Stefanes Cruz da Silva, que reside em Santo Antonio do Campo, destacou o apoio recebido e defendeu a produção sem o uso de agrotóxicos. “Com este incentivo vamos plantar mais e diversificar mais, oferecendo produtos agroecológicos. O que produzo na minha propriedade são produtos naturais, sem agrotóxicos. Estou incentivando os demais produtores que estão inseridos nesta parceria para que também produzam de forma natural. Com os trailers, já vai ser diversificado. Com todo este apoio da Secretaria e da Epagri, a gente sabe que vai plantar e ter onde entregar”. Trabalhar com feiras sempre fez parte dos anseios dos pequenos agricultores, pois possibilita a diversificação da produção, permitindo o exercício da arte de cultivar e de ser criativo, em relação com a natureza e com os seres humanos que dependem destes alimentos para a sua sobrevivência e por meio dessa relação interpessoal, elevar a autoestima. Das 2.300 propriedades rurais de Campos Novos/ SC, 1.400 são de agricultores familiares, que utilizam a mão de obra familiar para exercer suas atividades de renda no campo, sendo estas famílias foco do referido projeto.


24

Publicidade

OC

www.jornalceleiro.com.br

08 de Marรงo de 2018

1519  

Jornal "O Celeiro", Edição 1519 de 08 de Março de 2018

1519  

Jornal "O Celeiro", Edição 1519 de 08 de Março de 2018

Advertisement