Page 1

PRESERVE O MEIO AMBIENTE: LEIA AS NOTÍCIAS E PASSE ESSE JORNAL PARA OUTROS LEITORES


02

CENTRAL SUPERMERCADOS

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br


CIDADE

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

SEGREDOS HAROLDO AMARAL

PROTESTO. Os filiados do PT ficam acampados no Paraná até o domingo

Botuc@tu Online

Puma e ônibus. Falando em desfile, a Secretaria de Comunicação distribuiu o roteiro de desfile do sábado. Além das crianças, instituições militares, também vai ter um ônibus de quase 30 metros de comprimento da Secretaria de Educação e dezenas de veículos esportivos da marca Puma, que prospecta áreas na região para instalação de uma fábrica. O Clube de fãs do Puma vai mostrar a força dos motores ao final do desfile. Puma no Parque. Hoje, véspera do Aniversário de Botucatu, o Prefeito Mário Pardini vai assinar protocolo para cessão de uso de uma área no Parque Tecnológico à

1

PT de Botucatu viaja a Curitiba para vigília contra a prisão de Lula

Política

Desfile familiar. As crianças de Botucatu, inscritas na rede escolar ou participantes de projetos educacionais sociais, estão animadas para o desfile deste sábado, quando será homenageada a Cidade pelos 163 anos. Segundo postagens na rede social, elas estão convidando pais, tios, avós e vizinhos para os atos relativos na Rua Amando de Barros. Então vamos prestigiar as nossas crianças no desfile.

03

empresa Puma de carros esportivos. Segundo palavras do Prefeito, será o setor de desenvolvimento de engenharia mecânica da Puma. Quanto à área para a fábrica, o Prefeito disse que não houve avanço por parte dos empreendedores do negócio. Marins e a fibra. A entrada da Puma no Parque Tecnológico “Fernando Marins” é um reencontro da família Marins, pioneira no trabalho com fibra de vidro desde os tempos da Nauplás, posteriormente Hidroplas e Brashidro, em Botucatu. Como se sabe a carroceria do Puma é feita em fibra de vidro sobre estrutura de aço e fibra de carbono. Não avançou. Empenhado na construção da represa do Véu de Noiva, o Prefeito lamentou que a diretoria da Sabesp não aprovou, na sexta-feira passada, a liberação de R$ 5 milhões para desapropriações de glebas de terra na região do Rio Pardo. A boa notícia é que o conselho de gestão da Sabesp vai ter nova reunião e deverá ser aprovada a verba, segundo a expectativa de Mário Pardini. Visita nas obras. Nesta sexta-feira a tarde, a Prefeitura de Botucatu vai

LEIA

NOTÍCIAS

promover uma visita monitorada às diversas obras em andamento na gestão do Prefeito Mário Pardini. Ele informou que serão mostradas obras relacionadas a escolas, sistema viário e habitação, entre outras. A visita deverá ter as presenças de jornalistas e lideranças políticas e sociais, além de secretários. Não agendou. Alguns tucanos de Botucatu tinham como certa a visita de João Doria em Botucatu, no sábado. De acordo com Pardini, se o candidato do PSDB visitar Botucatu ele será bem recebido, mas não havia sido feito até a manhã de quinta-feira, nenhum contato da assessoria de Doria, agendando a visita. O candidato a Governador estará em Bauru, onde faz palestra na ITE de Bauru. Curys em alta. Além do convite feito ao ex-Prefeito João Cury, para assumir a Secretaria de Educação do Estado de SP, Fernando Cury - Deputado Estadual - também teria sido convidado para assumir a pasta de Agricultura do Estado, mas ele - diferente do seu irmão - já teria dito não e irá concorrer à reeleição.

FALE COM A REDAÇÃO leitor@leianoticias.com.br telefone: (14) 3361-2117 whatsapp: (14) 99705-7976

TIRAGEM 3 MIL EXEMPLARES BOTUCATU 2 MIL EXEMPLARES REGIÃO

Haroldo Amaral Dirigentes e militantes do PT de Botucatu, e cidades da região, viajaram à Curitiba para participar da chamada vigília contra a prisão do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado a 12 anos de prisão na Operação Lava Jato, por causa de um tríplex, que seria uma “comissão” da Odebrechet, segundo denúncia de um ex-executivo dessa empresa. Conforme informou Everaldo Rocha, presidente do PT botucatuense, os diretórios da Macro Região, que envolve Bauru, Jaú, Botucatu e Avaré, levaram um ônibus de filiados que ficarão acampados até sábado e retornam no domingo para as suas cidades. Ao todo, a chamada Macro-Bauru tem 52 municípios. O ônibus com a delegação de petistas na região saiu de Bauru e parou em Lençóis Paulista, onde militantes de Botucatu, Ava-

ré, Jaú e outras cidades embarcaram rumo a Curitiba, uma viagem de quase 8 horas. “De Botucatu, cinco companheiros que estão de férias ou são aposentados viajaram. Nosso objetivo é prestar solidariedade ao nosso ex-Presidente e também chamar a atenção da sociedade para o que entendemos de perseguição política”, afirmou o dirigente petista. Everaldo informou que desde a prisão de Lula, no último final de semana, militantes de todo o Brasil estão se mobilizando para mostrar a indignação à perseguição ao ex-Presidente, enquanto outros acusados na Lava Jato e no Petrolão, de outros partidos, não são presos. “Muitos filiados de Botucatu estiveram em São Bernardo do Campo, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos, e agora em Curitiba, nessa vigília permanente. Pessoas filiadas a outros partidos democráticos também viajaram conosco”, salientou o petista.

Everaldo Rocha, presidente do PT de Botucatu, fala em solidariedade Prefeitura ainda não confirmou a data para o novo desfile EXPEDIENTE Editor Chefe: Géro Bonini (MTB: 48.775) Diretora Comercial: Thays Leão Bonini Diretor Executivo: Décio José Bonini Artes: Jader Gabriel Infografia: Graffo - Agência de Notícia Infográfica

www.leianoticias.com.br - Endereço: Rua Azaleia, 399 - V. dos Médicos - Boulevard - Office 66 - Botucatu/SP - CNPJ: 15.591.827/0001-94

CIDADE

Eleições 2018

Izaias Colino pode se tornar pré-candidato a Deputado Federal Com a provável desistência do ex-Prefeito de Botucatu, João Cury Neto, em ser candidato a Deputado Federal – após o convite feito pelo Governado Márcio França para assumir a Secretaria de Educação do Estado de SP, surge um novo nome da política de Botucatu que pode participar do pleito. O Presidente da Câmara Municipal, o vereador Izaias Colino, poderia se tornar pré-candidato a Deputado Federal pelo PSDB. A possível indicação de Izaias Colino teria o apoio de grandes lideranças políticas do partido, principalmente pelo seu bom relacionamento com Bruno Covas – atual Prefeito de São Paulo – e do próprio João Cury, além do Deputado Estadual Fernando Cury, do PPS. A reportagem tentou contato com Izaias Colino mas não obteve êxito. Produto do


04

ENTREVISTA

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

Pardini: “Nosso Governo conseguiu manter Botucatu em um ritmo intenso de desenvolvimento” BOTUCATU 163 ANOS. Prefeito Mário Pardini faz um balanço do seu Governo, fala de gestão e investimentos Flávio Fogueral Mário Eduardo Pardini Affonseca tem uma missão política e administrativa sob muita responsabilidade. Eleito em 2016 com mais de 45 mil votos, o prefeito tem, em suas decisões, o futuro de mais de 142 mil botucatuenses, segundo dados do censo demográfico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pardini é formado em administração de empresas pela Faculdade Paulista de Administração e Ciências Contábeis, além de engenharia civil, pelo Centro Universitário Padre Anchieta. Possui, ainda, mestrado em Irrigação e Drenagem, pela Unesp de Botucatu. Com perfil de gestor, adquirido em sua carreira como funcionário e posteriormente superintendente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), o prefeito adota o estilo prático de administração. No gabinete, por exemplo, um extenso quadro branco foi instalado. Ali estão metas e planos para obras públicas, serviços de manutenção e investimentos. Entre seus principais objetivos, o prefeito elenca a construção de duas mil moradias populares, ampliação do número de vagas em creche e Ensino Fundamental, além do aprimoramento dos serviços em saúde pública. Mas tudo isso tem um custo. Uma de suas principais ações à frente do executivo municipal foi o enxugamento da chamada “máquina pública”. Determinou, em seus primeiros meses de mandato, a redução de 130 para 60 os cargos comissionados na Pre-

feitura, além da revisão de contratos de prestação de serviços públicos e de aluguéis. Esta ação gerou economia de R$ 2,4 milhões aos cofres municipais. Tal dinheiro em caixa foi fundamental para o início da implantação do sistema de escolas em tempo integral, ampliação dos exames de diagnósticos, além de obras de infraestrutura, principalmente em bairros periféricos. Um reflexo imediato foi na destinação de verbas para a saúde, setor nevrálgico em qualquer administração municipal. Para o prefeito, Botucatu possui várias frentes de desenvolvimento. Algumas estão mais latentes como as áreas de comércio, serviços e indústria de alta tecnologia. O Poder Público, salienta, tem que ser aliado nesse processo de atração de novas empresas e fomento de empregos. “Já vi empresas mudarem de cidade porque não tinha fornecimento de água, pela ineficácia no fornecimento de energia elétrica. Ainda mais: empresários deixando uma determinada região porque a cidade era insegura”, ressalta Pardini. Em entrevista ao Leia Notícias, o Prefeito de Botucatu avalia seu primeiro ano de mandato, além dos desafios para o desenvolvimento do município. “Mesmo em meio à maior crise econômica que o país viveu, nosso governo conseguiu manter Botucatu em um ritmo intenso de desenvolvimento”, salienta. LEIA NOTÍCIAS - Prefeito, uma de suas metas ao assumir o governo de Botucatu foi otimizar a chamada ‘máquina pública’, como forma de garantir a eficácia dos serviços pres-

tados à população e também resultar em economia aos cofres municipais. Passado um ano de seu mandato, o que efetivamente mudou nesta área? MÁRIO PARDINI- Conseguimos implementar aquilo que falávamos em relação à eficiência da máquina pública, especialmente na redução de custos. Reduziu-se o número de funcionários comissionados, além do enxugamento das secretarias. Para se ter uma ideia, foram seis secretarias extintas e, com isso, economizamos R$ 2 milhões por ano. Esse dinheiro em caixa foi muito importante para enfrentar a crise econômica. Além disso, reduzimos o número de casas e prédios que a Prefeitura alugava, com valor estimado em R$ 800 mil por ano. Alguns contratos foram revistos. Não havia nada de errado, mas era necessário saber no que era investido o dinheiro do contribuinte. Essa medida foi crucial para economizar valores na ordem de R$ 10 milhões. Isso proporcionou aplicar na construção de duas escolas em tempo integral, com recursos próprios. E também no aumento do custeio da Saúde. Em 2016, a cidade investiu 22,7% do seu Orçamento (o que já é algo extraordinário) em ações nessa área. No ano passado o investimento foi em torno de 27%, ou seja, alguns milhões de reais em investimentos, com a redução de gastos. Para se ter uma ideia, isso propiciou o realinhamento de convênios com a Unesp, proporcionando colocar mais médicos nos Prontos Socorros Adulto e Pediátrico, principalmente nos horários de pico. Outro reflexo foi a ampliação do horário de atendimento da

Unidade Básica de Saúde da Cecap (Conjunto Habitacional Frei Fidélis) para fazer a assistência dos pacientes com menor gravidade. Mais do que isso, esses valores que economizamos pudemos investir em um Centro da Mama municipal. Antigamente esse centro fazia atendimentos de toda a região. Ou seja, nossas mulheres ficavam muito tempo na fila. Hoje ele é mantido unicamente pela Prefeitura, atendendo, mensalmente, cerca de 700 mulheres botucatuenses que necessitam de exames de mamografia. Também foi possível oferecer mais de 200 ultrassons ginecológicos e obstétricos. São quase mil exames por mês com recursos aplicados oriundos da economia obtida nestas mudanças. Depois de um ano, temos uma ‘máquina’ mais enxuta; e com esses resultados, investindo na Saúde e Educação, onde ampliamos em 700 as vagas de creches na cidade. O que, em um ano, são muitas vagas, possibilitadas pelas parcerias e ampliação da estrutura existente. Vamos, ainda, contratar mais 40 profissionais para fazer frente a essa nova demanda que chega à rede municipal de ensino. LN - Botucatu, assim como muitas cidades brasileiras, sofreu com o impacto da crise econômica, principalmente nos investimentos públicos decorrentes da queda da arrecadação e desemprego. Hoje, a cidade vive uma recuperação ‘tímida’ dessa turbulência. Quais as políticas, em âmbito municipal, que são adotadas para alavancar o desenvolvimento do município? PARDINI - Temos que tra-

balhar voltados para a geração de empregos. Coincidência ou não, dados do Caged (Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados), um instrumento oficial do Ministério do Trabalho, mostra que Botucatu foi a sexta cidade que mais gerou novos postos de trabalho. Novos empreendimentos, ampliação de empresas menores ou familiares, ampliação dos serviços. A Prefeitura contratou muitos servidores públicos, pois assumiu muitos trabalhos que eram feitos por terceiros. Não sou eu que estou dizendo, mas sim dados do próprio Governo Federal, mostram que fomos um dos municípios que mais proporcionou oportunidades no Estado de São Paulo. O interessante disso tudo, é que a política da abertura de microempreendedores individuais (MEIs) estabelece que o Poder Público também adquira produtos e serviços desta categoria. Isso foi algo que fizemos. Estimulamos o desenvolvimento com incentivos aos empreendedores. Outra coisa que surtirá efeito no futuro, foi a revisão de finalidade do Parque Tecnológico. Antes, somente empresas com caráter tecnológico poderiam se instalar no local. Ficamos quase três anos patinando com a boa utilização do Parque. Mudamos o regimento e abrimos a possibilidade de outras empresas adentrar no espaço. Com isso, assinamos quatro contratos de formalização de investimentos no local, que é um distrito industrial, enquanto não é entregue a primeira etapa das obras do Distrito 4. Todas essas estratégias e ações atraem investimentos de grandes empresas e possibilitam a geração de emprego.

LN - O Distrito Industrial 4 é uma realidade. Assim como as demais áreas destinadas para empresas e indústrias. Diante disso, como o município se planeja para a atração de novos investimentos neste segmento? PARDINI - Primeiro, garantir a infraestrutura básica. Já vi empresas mudar de cidade porque não tinha abastecimento eficaz de água, e pela ineficácia no fornecimento de energia elétrica. Ainda mais: empresários deixando uma determinada região porque a cidade era insegura. Botucatu hoje busca manter-se como uma das mais seguras do país, também trabalhamos em tornar a represa do Rio Pardo uma realidade, garantindo assim a ampliação no fornecimento de água para o município. O setor industrial e a agricultura também são contemplados. Isso gera emprego e desenvolvimento. Acompanhamos a crise hídrica de 2014, onde produtores rurais tiveram as bombas lacradas. A Duratex, por exemplo, parou a caldeira por três dias porque não tinha água para usar no resfriamento. Resultado: R$ 3 milhões de prejuízo à empresa por dia parado. A própria direção da empresa pensou em mudar de cidade, à época. Além do Parque Tecnológico, o início do Distrito 4, temos a preocupação na qualificação da mão de obra, com cursos feitos pela Universidade do Trabalhador e Empreendedor (UNITE). LN - A represa do Rio Pardo, dita por você como um ‘sonho’, começa a ser definida com as doações de áreas e licenciamento ambiental. Quantos mi-


ENTREVISTA

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

lhões de reais serão investidos na construção e qual a previsão de capacidade de armazenamento da barragem? PARDINI - A represa do Rio Pardo, que é um sonho, começa a ver uma “luz” no fim do túnel. Nunca disse que faria em meu mandato, mas quero deixar o projeto pronto, licenciado e regularizado imobiliariamente, além da outorga. E, dentro desses quesitos para construir a represa, já temos a autorização dos órgãos estaduais para poder inundar essa área. Temos o compromisso da Cetesb e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente de entregar o licenciamento ainda em abril. Temos o projeto executivo e a Sabesp deve apreciar a autorização para investimento na desapropriação das áreas que serão afetadas pela obra. Quanto à capacidade de represamento, para fazer uma comparação, com a crise hídrica de 2014, o Rio Pardo, aproveitando ao máximo sua capacidade, produziu em média 370 litros por segundo. Não era o suficiente para atender à demanda da população. Por isso tivemos que fazer as obras para aproveitar o Pinheirinho e o Lavapés. Com isso, o volume que é de 400 litros/segundo, vai para 1000 litros por segundo. Isso significa poder dobrar a população de Botucatu. Nenhuma indústria se instala na cidade se não tiver autonomia quanto ao abastecimento de água. LN - Outro setor que é imprescindível para a economia botucatuense é o de comércio e serviços. Tanto que Botucatu hoje tem diversos corredores comerciais além das ruas tradicionais da região central. Diante desse cenário, como o Poder Executivo se adequa quanto a incentivos, tanto estruturais quanto

fiscais/tributários? PARDINI - A Prefeitura tem estudado um pacote de incentivos para a atração de empresas. Junto com Parque Tecnológico, Distrito Industrial 4, ampliação da oferta de água e energia elétrica, além de segurança pública, estamos trabalhando em medidas para que as empresas se instalem em nosso município. Quanto ao comércio botucatuense, ele é um dos mais fortes do interior paulista. Sem nossas empresas, a cidade perde divisas e empregos. Por isso que, dentro desse pacote de incentivos, discute-se as áreas de comércio e serviços. LN - Para o comércio e serviços, quais seriam tais incentivos? PARDINI - Um dos planos é a segunda etapa da revitalização da Rua Amando de Barros, que foi muito cobrada mas impossível de se levar adiante no primeiro ano de mandato. Esta nova etapa está organizada para que comece no segundo semestre deste ano. Depende, apenas, de alguns trâmites como emendas que possibilitem verbas para as obras. Para se ter uma ideia, continuaria da Praça Emílio Peduti (Bosque) e se estenderá até o Supermercado Central. Neste projeto serão contemplados detalhes arquitetônicos diferenciados, com a utilização de parklets (áreas dentro do espaço urbano para descanso, sem a necessidade de grande intervenção estrutural), como ocorre em alguns pontos de São Paulo. Além da praticidade, essas estruturas serão atrações turísticas. Outro ponto que será amplamente transformado é a Praça Coronel Moura (Paratodos), onde, inclusive, já publicamos os editais para as obras de revitalização. Será algo amplo que extrapola o Paratodos. Vamos inte-

grar o Paratodos com a praça que ficou em frente ao Teatro Municipal. O trânsito não será afetado, pois pensamos em uma estrutura elevada para o trânsito de pedestres e o fluxo de veículos que venham da Rua Amando de Barros e de outras vias. Arquitetonicamente parecerá que é uma coisa só, mas será algo novo e que valorizará o comércio daquela região, como um todo. Os grandes corredores como a Rua Major Matheus, Avenida Dom Lúcio, Avenida Floriano Peixoto, Vital Brasil, Conde de Serra Negra, Avenida Dante Delmanto, estão recebendo projetos para revitalização daquelas áreas, inclusive com licitação pronta para a troca de todas as luminárias. Será substituído o modelo atual por lâmpadas de LED, igual ao que instalamos na Rodovia Gastão Dal Farra (recém-revitalizada). Este será o padrão de iluminação para essas ruas. LN - Mas nesse contexto de revitalizações, principalmente a segunda etapa na Amando de Barros, acarretará na redução de vagas de estacionamento e, consequentemente, da área coberta pelo estacionamento rotativo pago. Hoje são 1000 vagas espalhadas em diversas ruas, sendo que a empresa concessionária tem o direito de criar mais 800. Diante dessa situação, como é o planejamento para adequar as vagas disponíveis para estacionamento? PARDINI - O objetivo é suprimir o menor número de vagas. Mas não temos escopo para ampliar a área que é abrangida pela cobrança do parquímetro. Mesmo com essa supressão das vagas, não tenho a intenção de ampliar as vagas para outras ruas, neste momento. LN - Outra área que gera

empregos e divisas é o turismo. Botucatu tem solidificado sua identidade no turismo de aventura e se mobilizado, até politicamente, para desenvolver este setor... PARDINI - … inclusive está aberta a licitação para a revitalização da Cascata da Marta, que era algo que vinha se arrastando há anos. Em outro ponto temos a luta de Botucatu para se tornar Município de Interesse Turístico (MIT), que dará uma receita anual de R$ 600 mil para investimento neste setor. Sabemos que o turismo em nosso país é uma das maiores fontes de receita e geração de emprego. Temos que explorar, com responsabilidade, os pontos que Botucatu oferece como as cachoeiras, lugares agradáveis para se visitar. Quanto à revitalização da Cascata da Marta, construiremos um centro receptivo, além da recuperação da estrutura de acesso às quedas d’água. Fora isso, há um trabalho intenso - e os empresários têm ajudado, quanto a isso, na divulgação da cidade. LN - Uma cidade que superou os 163 anos, possui uma concepção viária antiga em algumas regiões, com ruas estreitas, passando por grandes avenidas em novos bairros. Nos primeiros meses de mandato, você salientava que uma das metas era a concepção do anel viário que interligue as diferentes regiões da zona urbana. Esse passo foi dado com as obras do viaduto que ligará o Jardim Paraíso ao Jardim Cristina? PARDINI - A primeira etapa desse anel viário é a interligação da região Norte à região Leste. O viaduto é um equipamento desse projeto, pois vai ligar o Jardim Paraíso ao Arlindo Durant. Terminando os 140 metros de extensão

do viaduto, terá uma rotatória. Temos um projeto de interligar o Arlindo Durant à rodovia Alcides Soares (que dá acesso ao Distrito de Vitoriana e Rio Bonito Campo e Náutica, além da SP-191) no trecho onde demos início às obras das casas populares do Cachoerinha 1 e 2. Ou seja, nessa fase, será construído o viaduto e a concepção de avenidas largas até o Jardim Ciranda. LN - Mas estas regiões, que certamente crescerão também em número de moradores, receberão estruturas de suporte como escolas, unidades de saúde e áreas de lazer? PARDINI - Para se ter uma ideia, as unidades que estão em construção no Cachoeirinha 1 e 2 contêm três andares. E não é somente erguer esses prédios. Estou discutindo com a empresa responsável pela obra para que seja feita uma escola em tempo integral; estamos revitalizando o complexo esportivo da Vila Maria, que não será somente campo de futebol, mas atenderá a diversas modalidades esportivas. Tem mais moradias para sair naquela região do Jardim Brasil e Ciranda. Isso era algo que ouvia da população, que as casas populares somente saiam para Rubião Júnior ou na extensão da Rodovia Gastão Dal Farra. Fiz questão de localizar essas moradias em outras regiões. Estamos articulando, ainda, a construção de mais dois conjuntos, que seriam o Cachoeirinha 3 e 4, onde passaríamos de 500 para 1000 unidades da Faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida. Claro que isso ainda depende do projeto ser aprovado pela Caixa Econômica Federal. LN - Inclusive uma de suas metas era a construção de 2 mil casas populares. Com esses números, dá para se ter noção

05

do real déficit habitacional em Botucatu? PARDINI - Sabe o quanto fizemos em um ano? Mais de 1500 moradias, graças a Deus. Falava em duas mil em quatro anos. Essas casas são para moradores de Botucatu. Temos um cadastro em torno de 6 mil famílias que pagam aluguel. Tiram dinheiro do alimento para poder pagar o aluguel, e muitas vezes a moradia é o que mais pesa no orçamento desses botucatuenses. LN - Um ano de mandato, qual a sua visão de Botucatu, com toda sua beleza e complexidade, hoje para você, como prefeito? PARDINI - Tinha um grande compromisso com o município, que era manter o ritmo de desenvolvimento. Vínhamos de oito anos de um governo (do ex-prefeito João Cury Neto) de sucesso. A população confiou na gente e esperava que continuássemos com as políticas de crescimento econômico e social. Nosso governo, modéstia à parte, tem conseguido cumprir com esse compromisso, seja na educação, saúde, habitação, geração de empregos, estrutura viária, na segurança pública com a ampliação de agentes da Guarda Municipal nas ruas. Mesmo em meio à maior crise econômica que o país viveu, nosso governo conseguiu manter Botucatu em um ritmo intenso de desenvolvimento. LN - O que Botucatu representa para Mário Pardini? PARDINI - Tudo. Nasci em Santos por causa de meu pai, que era caminhoneiro, mas minha família é botucatuense. Vim com nove anos para Botucatu. Essa cidade simboliza tudo que construí em minha vida. Representa o futuro de esperança e de uma sociedade mais justa.


06

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

CIDADE

PREVISÃO DO TEMPO SEXTA (13/04) Sol e aumento de nuvens. Não chove.

Desenvolvimento de projetos da Puma vai se instalar no Parque Tecnológico PUMA. Área será cedida para o Setor de Desenvolvimento, mas não há confirmação sobre a fábrica Haroldo Amaral

Min: 16º Máx: 29º SÁBADO (14/04) Sol com algumas nuvens. Pancadas de chuva.

Min: 18º Máx: 27º DOMINGO (15/04) Sol com algumas nuvens. Pancadas de chuva. . Prefeito Pardini confirmou que a Prefeitura estendeu o tapete vermelho

O Prefeito de Botucatu, Mário Pardini, informou que estendeu o tapete vermelho para receber os acionistas da empresa Puma, de carros esportivos, mas não confirmou a intenção dos empresários em ter uma fábrica em Botucatu. Na região, além de Botucatu, Itatinga, Agudos e Bauru querem a fábrica, assim como Rio Claro. A reportagem encaminhou questionamentos para a empresa, que não respondeu até o momento. Pardini ressaltou que o acesso ao tapete vermelho para a Puma, neste momento, é para a cessão de uma área no Parque Tecnológico “Francisco Marins”, onde o Município vai ceder uma área para instalação do setor de de-

Articulista Min: 17º Máx: 25º COTAÇÕES Dólar + 0,64% (R$ 3,4071) Bovespa + 0,23% (85.444 pts) Euro + 0,34% (R$ 4,1993) Selic (6,50% a.a.)

Salário mínimo (R$ 954)

Data: 12/04/2018

A estátua de Montenegro DR.ANDRÉ BALBI No último sábado, encerrando as comemorações dos 50 anos de formados da primeira turma de médicos de nossa Faculdade (a famosa “turma pioneira”), assistimos a inauguração da estátua em tamanho real do Professor Montenegro, representado no local em que há 55 anos recebia seus primeiros alunos. Com o braço direito erguido e olhando para o

HC, ele teria dito que ali seria uma grande escola de medicina. E tinha razão. Homenagem mais que merecida ao Professor que fez de um hospital solitário no meio do nada um local de ensino, assistência e pesquisa. Este hospital que hoje presta atendimento a milhares de pessoas com seus quase 500 lei-

tos públicos e que, em 2017, dispensou mais de 1,2 milhões de refeições e mais de 6 milhões de itens de sua Farmácia Central. Parabéns à FMB por esta iniciativa. Visível a admiração dos alunos ao mestre, mostrada nos depoimentos espontâneos e emocionados de alguns deles. Admirável a integração e parceria que vimos

senvolvimento de engenharia da empresa. “A minha função é receber bem e estender o tapete vermelho para os investidores que escolhem Botucatu. Neste momento não tenho confirmação sobre a instalação da fábrica da Puma, mas nesta sexta-feira vamos ceder uma área nas instalações do Parque Tecnológico, para que eles instalem o setor de engenharia”. O Prefeito destacou, em entrevista à Radio Clube FM, que após a assinatura de cessão da área no Parque Tecnológico, os diretores da Puma terão 150 dias para apresentar um projeto executivo de investimento e obras na Cidade. “Não conversei com os empresários da Puma sobre o avanço por parte deles da área de instalação da fábrica. Tenho

visto que muitas cidades querem o projeto, mas não tenho a confirmação para Botucatu. O que posso afirmar é que vamos assinar a cessão de área no Parque Tecnológico de Botucatu para o setor de engenharia deles”. Havan No início deste ano foi veiculada a possibilidade de instalação na Cidade da rede Havan, de Santa Catarina. Pardini contou que nesta semana teve contato com o proprietário da empresa e questionou sobre a instalação em Botucatu, porém sem o esperado anúncio da instalação na Cidade. “Eles revelaram que ainda não há nenhum encaminhamento para Botucatu, mas consideram a possibilidade de instalação da rede na Cidade, porém não informaram o momento. Vamos aguardar”.

daqueles meninos e meninas com rostos marcados e cabelos grisalhos, com sua eterna Professora Edi Montenegro, talvez a irmã mais velha ou mais nova de todos eles.

encontrando o mestre, agora de bronze e pronto para cuidar, de modo definitivo, do hospital que ele fez nascer.

Mais emocionante ainda foi quando estes alunos pioneiros aproximaram-se da estátua de seu professor e, de mãos dadas em círculo, retiraram o pano verde que o cobria, fazendo-o brotar do chão onde ele tanto pisou no passado, como uma árvore que brota do nada. Vi senhores e senhoras de mais de 70 anos, muitos com dificuldades de locomoção, re-

Nesta hora, enquanto a Professora Edi chorava com suas lembranças, ouvíamos a voz de Geraldo Vandré, como que acordando o passado, cantar “caminhando e cantando e seguindo a lição, somos todos iguais, braços dados ou não...” Nunca mais me esquecerei desta cena.

Dr André Balbi é médico nefrologista, professor adjunto de Nefrologia da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB) e atual Superintendente do HCFMB.


SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

BOTUCATU 163 ANOS

07


08

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

BOTUCATU 163 ANOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOTUCATU/SP

LEILÃO DE VEÍCULOS E BENS DIVERSOS! CARROS, MOTOS, ÔNIBUS, CAMINHÕES E MUITO MAIS!

Grande Oportunidade!

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOTUCATU/SP

LEILÃO DE IMÓVEIS

DIVERSOS TERRENOS EM BOTUCATU Terrenos Urbanos de 250 m² até 2.285 m²

RUBIÃO JÚNIOR, VITORIANA,

Kombi, Trator, Agrale 9200 TCA, Ford F-4000, Scânia, Doblo, Blazer, Parati, Gol, Fusca, Honda, Yamaha e etc.

JD. BRASIL, JD. MONTE-MOR, VILA DOS LAVRADORES E ETC.

Leilão ONLINE / PRESENCIAL - ABERTO PARA LANCES ONLINE

DATA: 20/04/18 - 09h00

Cadastramento para participação do leilão a partir das 08h00

LOCAL DO LEILÃO:

Valores abaixo do mercado! 10% de entrada e saldo em até 12x Livre de débitos e documentação em ordem! Lances Iniciais a partir de R$ 30.000,00

Pagamento Facilitado! Leilão ONLINE / PRESENCIAL ABERTO PARA LANCES ONLINE

DATA: 20/04/18 - 14h00

Cadastramento para participação do leilão a partir das 13h00

LOCAL DO LEILÃO:

Salão Azul da Secretaria Municipal da Educação (Antigo Seminário) Praça Bispo Dom Luiz Maria de Santana, nº 176, Centro - Botucatu/SP

Salão Azul da Secretaria Municipal da Educação (Antigo Seminário) Praça Bispo Dom Luiz Maria de Santana, nº 176, Centro - Botucatu/SP

Edital, Descrição dos Lotes, Lances Online e Visitação dos Bens Acesse:

Edital, Descrição dos Lotes, Lances Online e Visitação dos Bens Acesse:

11 4426-5064

lanceja.com.br

11 4426-5064

lanceja.com.br


TAMANHO: DATA: ORIGINAL: GRAFFO

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

SAÚDE

09

SÍNDROME MÃO-PÉ-BOCA O QUE É > É uma infecção viral contagiosa causada pelo enterovírus 71, também chamado de vírus cosxackie > É caracterizada por feridas avermelhadas na planta dos pés, mãos e interior da garganta > A doença é muito comum em crianças A síndrome costuma durar de

7 a 10 dias

PRINCIPAIS SINTOMAS

SAÚDE

SAIBA MAIS SAIBA MAIS

Perda do apetite

Pesquisa

SÍFILIS SÍFILIS

SAIBA MAIS

SAIBA MAIS

SÍFILIS

O QUE É

O QU O Doen

bacté D ba

Doença infecciosa ca O QUE É FORMAS DE CONTÁGIO bactéria Treponema FORMAS CONTÁGIO Doença infecciosaDE causada pela

Febre de 38 SÍFILIS a 39 grausSÍFILIS

bactéria Treponema pallidium

SAIBA MAIS

Dor de garganta Lesões nas mãos, pés e boca

FORMAS DE CONTÁGIO

FORMAS DE CONTÁGIO

O QUE É

De uma pessoa para infecciosa Por causad Doença outra o sexo transfusão De durante uma pessoa para Por pall bactéria Treponema Desem umaoutra pessoa para com Por camisinha durante o sexo de sangue transfus outra durante o sexo transfusão alguém infectado contaminad sem camisinha de sangu sem camisinha com decom sangue PREV alguémalguém infectado infectado contaminado contami FORMAS DE CONTÁGIO > Uso De uma pessoa para Por SAIBA MAIS Da mãe infectada para oembeb É tod outra durante o sexo O QUE transfusão Da mãe infectada para o bebê durante a ou gestação orelaçõ part Dapela mãe infectada para o SAIBAsem MAIS durante a gestação o parto ou Doença infecciosa causada camisinha com de sangue SAIBA MAIS O QUE É (sífilis congênita). Pode ou causa durante gestação oQ p >O Corr (sífilis congênita). Podeacausar PREVENÇÃO bactéria Treponema pallidium alguém infectado contaminado Doença infecciosamá-formação causada pela acomp do feto, aborto ou Pode má-formação do feto, aborto (sífilis congênita). ca Doe SAIBA MAIS duran morte do>bebê, quando este De uma Por O QUE É pessoa Usodo dabebê, camisinha bactériapara Treponema pallidium morte quando este má-formação do feto, abo bac nasce gravemente doente outrainfecciosa durante ocausada sexo pela transfusão em todas asbebê, quando nasce gravemente doente es Doença morte do Da mãe infectada para o bebê FORMAS DE CONTÁGIO sem camisinha com de sangue relações sexuais bactéria Treponema nasce gravemente doente durante a gestação ou opallidium parto PREVEN alguém infectado SINTOMAScontaminado FORMAS DE CONTÁGIO FORMAS CONTÁGIO >DE Correto (sífilis congênita). Pode causar A doença desenvolve-se em diferentes fases, e SINTOMAS > Uso da c os sintomas conforme a doença evolui má-formação do feto, aborto ou variamacompanhamento A doença desenvolve-se em diferentes SINTOMAS em todas a FORMAS DE CONTÁGIO morte do bebê, quando durante a gravidez este Da mãe Cerca infectada para o bebê os sintomas conforme adiferent de dias variam Até 1 mês em após odoenç A 10 doença desenvolve-se relações se nasce gravemente doente durante a gestação ou o parto após o os contágio contágio De uma pessoa para Por sintomas variam conforme a doe Feridas nos órgãos Manchas vermelhas > Correto (sífilis congênita). Pode causar outra o sexo transfusão Cerca de 10 dias para Até 1 mês Dedurante uma pessoa para Por genitais ou boca que no corpo, mãos e pés; Dedo uma pessoa Por acompanh má-formação feto, aborto ou semoutra camisinha com detransfusão sangue desaparecem dores musculares; após o contágio contágio durante o sexo SINTOMAS Cerca de 10 dias Até 1am outra durante o sexo transfusão durante morte dosemanas bebê, quando este PREVENÇÃO alguém infectado contaminado depois, febre. Neste estágio Feridas nos órgãos Manchas camisinha com de sangue A doença desenvolve-se em diferentes fases, eo após contágio contá De uma pessoasem para Por sem com sangue nasce gravemente doente mesmo semcamisinha os sintomasde também PREVENÇÃO >Feridas Usopois da camisinha genitais ou boca quedesaparecem no corpo, infectado contaminado sintomas variam conforme a doença evolui órgãos Manch outra durante alguém o sexo os transfusão tratamento, anos logo alguém infectado contamina as bocadepois desaparecem dores bactéria setodas torna genitais ou que e a bactéria no mu cor sem camisinha com Da mãe deinfectada sangue para o bebê >em Uso da camisinha inativa no organismo fica inativa relações sexuais Ao passar semanas febre. Nes PREVENÇÃO desaparecem dores alguém infectado durante Cercacontaminado dea 10 diasSINTOMAS Até 1 mês após odepois, em todas as gestação ou o parto Da mãe infectada para o bebê mesmo sem os sintom depois, febre. Da mãefases, infectada para o be após ocongênita). contágioA doença contágio dose anos desenvolve-se em diferentes relações sexuais >semanas Correto (sífilis Pode > Uso da camisinha durante a gestação oucausar o parto poisEm a 2016, mesmo sem os sint foram desapare durante a gestação ou o pa Atratamento, sífilis adquirida Feridas nos órgãos Manchas vermelhas Demência e osfeto, sintomas variam conforme a doença evolui acompanhamento má-formação do aborto ou em todasaumentou,entre as> Correto (sífilispara congênita). Pode causar registrados Da mãe infectada o bebê bactéria torna ea tratamento, pois agraves depois desap congênita). Pode cau genitais boca que esterelações no corpo, mãos esepés; durante a(sífilis gravidez morte doou bebê, quando sexuais 2015 e 2016, acompanhamento má-formação do feto, aborto ou durante a gestação ou o partodoente inativa no organismo ficadepois inativ bactéria se1 torna má-formação do feto, abor desaparecem dores musculares; problemas nasce gravemente Cerca de 10 dias Até mês após o ano gravidez morte do bebê, quando este> Correto durante (sífilis congênita). Pode causar inativa organismo fica in morte do bebê, quando este casos co semanas depois, febre. Neste estágio noem coração apósdoente o contágio contágio nasce gravemente acompanhamento má-formação do feto, ou adultos no Brasil nasce gravemente mesmo semaborto os sintomas também Feridas nos órgãos Manchas vermelhas doente durante aA gravidez morte do bebê, quando este 2016, fora sífilis adquirida SINTOMAS tratamento, poisgenitais a desaparecem logo ou boca que no corpo, mãos eEm pés; FONTE: Ministério da Saúde nasce gravemente Em 2016, f A sífilis adquirida A doença desenvolve-se em diferentes fases, bactériadoente se torna depoise e aaumentou,entre bactéria desaparecem dores musculares;registrados SINTOMAS SINTOMAS 2015 e 2016,Neste estágio registra aumentou,entre os sintomas variam a doença evolui inativa noconforme organismo fica inativa semanas depois, febre. A doença desenvolve-se em diferentes fases, e A doença desenvolve-se em diferente 2015 e 2016, também mesmo sem os sintomas SINTOMAS os sintomas variam conforme a doença evolui os sintomas variam conforme a doen em Cerca de 10 dias Até 1e mêspois após Ao passarlogo casos ao desaparecem A doença desenvolve-se em diferentestratamento, fases, Brasil casos e Emtorna 2016, foram no depois Abactéria cada ano,adultos A sífilis adquirida após o contágio contágio dos anos bactéria se e a os sintomas variam Cercaconforme de 10 dias a doença evolui Até 1 mês após o Cerca deno10 Ao passar adulto dias Até 1m Brasil registrados aumentou,entre Feridas órgãos Manchas vermelhas Demência inativa no organismo fica inativa apósnos o contágio contágio dos anos e apósMinistério o contágio contági da Saúde 2015 e 2016, no corpo, mãos eFONTE: genitais ou boca que pés; graves Feridas nos órgãos Manchas vermelhas Demência e Cerca de 10desaparecem dias Até 1 mês após omusculares;Ao passar Feridas nosproblemas órgãos pessoas Mancha dores FONTE: Ministério dade Saúde genitais ou bocacontágio que no corpo, mãos e pés; após o contágio anosougraves genitais boca que casos em dos contraem sífilisno corp semanas depois, febre. Neste estágio no coração Em 2016, foram A ca A sífilis adquirida desaparecem Manchas vermelhas dores musculares;Demência problemas Feridas nosmesmo órgãos e desaparecem adultos no mundo dores m no Brasil aumentou,entre sem os sintomas também registrados semanas febre. Neste estágio no coração genitais outratamento, boca que depois, no corpo, mãos e pés; graves febre. N pois a desaparecem logosemanas depois, 2015 e 2016,também mesmo sem os sintomas desaparecem dores musculares; problemas mesmo sem os sinto bactéria se torna depois e a bactéria de p FONTE: Ministério da Saúde tratamento, poisfebre. a desaparecem logono semanas depois, Nestefica estágio coração pois a tratamento, desapar inativa no organismo inativa casos em contr e a bactériabactéria se torna mesmo sem bactéria se torna os sintomas depois também depois adultos noe noinativa Brasil inativa tratamento, pois a no organismo desaparecemfica logo inativa no organismo fica inat bactéria se torna depois eEm a bactéria 2016, foram A cada ano, A sífilis adquirida FONTE: Ministério da Saúde inativa no organismo fica inativa registrados aumentou,entre Em 2016, foram A ano, A sífilis adquirida Em 2016, for A sífiliscada adquirida 2015 e 2016, registrados aumentou,entre registrado aumentou,entre de pessoas 2015 e 2016, Em 2016, foram A cada ano, A sífilis adquirida 2015 e 2016,sífilis casos em contraem de pessoas aumentou,entre no mundo no Brasil registrados adultos casos em contraem sífilis 2015 e 2016, casos em adultos no mundo no Brasil de pessoas adultos no Brasil FONTE: Ministério da Saúde casos em contraem sífilis noFONTE: mundo no BrasilFONTE: Ministério daadultos Saúde Ministério da Saúde

SÍFILIS SÍFILIS SÍFILIS

Mal-estar

FORMAS DE TRANSMISSÃO

SÍFILIS

27,9%

87,5 mil 5,6

> Trocar fraldas de crianças contaminadas m 27,9% 87,5 87,5 m 27,9% > Contato com secreções respiratórias 5,6 milhões 87,5 mil 27,9% (tosse ou espirro) 5,6 m 87,5 mil 27,9% > Beber água contaminada > Beijar alguém infectado 5,6 milhões 87,5 mil 5,6 milhões 27,9% 87,5 mil > Apertar a mão de alguém contaminado 27,9% 5,6 milhões 27,9% 87,5 m 27,9%

FONTE

2

FONTE: Ministério da Saúde

87,5 mil


10 FOCO

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br


SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

SEGURANÇA

11

Botucatu lança Campanha contra queimadas ATÉ SETEMBRO. A Campanha é realizada no período de estiagem e maior ocorrência de queimadas A Prefeitura de Botucatu, por meio da Secretaria do Verde e da Defesa Civil Municipal, lançou a Campanha Contra Queimadas. O evento, realizado no Auditório Cyro Pires, contou com a presença de autoridades como o Secretário do Verde, Márcio Piedade Vieira, o Secretário Adjunto de Transporte, Rodrigo Fumis e os vereadores Izaias Colino, Ednei Carreira, Sargento Paulo e Paulo Renato. Também participaram representantes da Patrulha Ambiental da Guarda Civil Municipal, Polícia Militar Ambiental, Corpo de Bombeiros e do Centro Médico e de Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) da Faculdade de Medicina Veterinária da Unesp. No lançamento, foram

SEGURANÇA

GCM é acionada para conter briga entre meninas em escola

A reunião de lançamento da Campanha Contra Queimadas contou com a participação das forças de segurança da Cidade

apresentadas a proposta de trabalho da Campanha deste ano e as estratégias que serão utilizadas para diminuir as ocorrências de queimadas no Município. “Todos os parceiros são importantes para que com a Campanha possa-

mos atingir o máximo de pessoas possível. Neste ano, queremos fazer a conscientização da população por meio das mídias sociais e assim conseguir diminuir os focos de incêndio em nossa Cidade”, afirmou Fernanda Bernar-

Causa Animal. Prefeitura lança Unidade Móvel de Castração A causa animal em Botucatu tem uma nova ferramenta no atendimento das demandas da população. A Prefeitura de Botucatu lançou a Unidade Móvel de Castração, em evento que contou com a presença do Prefeito Mário Pardini, do Presidente da Câmara dos Vereadores, Izaias Colino, dos vereadores Ednei Lázaro Carreira, Sargento Laudo, Paulo Renato, Jamila Cury Dorini e Alessandra Lucchesi, além de secretários municipais, ativistas da causa animal e representantes da Bravo Carretas, empresa que projetou a Unidade de Castração e concedeu à Prefeitura o direito de uso. O equipamento móvel

3

é um trailer equipado com os recursos necessários para o atendimento a cães de pequeno, médio e grande porte, e gatos. “O castramóvel vai nos permitir ir até os bairros periféricos da Cidade, onde a situação de animais nas ruas é mais evidente. Atenderemos também famílias carentes que não têm condições de pagar por uma castração e aproveitaremos para fazer um trabalho educativo sobre posse responsável”, afirmou Rodrigo Rodrigues, Assessor Especial da Prefeitura para a Causa Animal. O Poder Público Municipal fortaleceu seu compromisso com a causa animal neste ano. Para

2018, a Prefeitura contratou 1,6 mil castrações (600 para gatos, 700 para cães de até 15 kg e mais 300 para cães acima de 15 kg). O valor despendido para essa maior quantidade de castrações é ainda menor do que o destinado no ano passado. “Graças a Deus conseguimos grandes melhorias neste setor, já que faremos quase 20% a mais de castrações do que fizemos no último ano e com um preço menor, sem perder a qualidade do serviço. A Unidade de Castração Móvel é mais uma grande ferramenta que teremos no atendimento a causa animal”, citou o Prefeito Mário Pardini. (Comunicação)

di, Diretora de Educação Ambiental da Secretaria do Verde. Além da veiculação de vídeos informativos em redes sociais, também serão entregues materiais gráficos orientando sobre os cuidados para evitar

queimadas às crianças da Rede Municipal de Ensino. A Campanha Contra Queimadas será realizada até setembro deste ano, período de estiagem e de maior ocorrência de queimadas na Cidade. (Comunicação)

Uma briga entre duas alunas do período da manhã da escola Cevila ,na Vila Paulista, precisou da presença da Guarda Civil Municipal de Botucatu. Com a chegada dos Guardas Alves e Stamponne, a briga entre as duas jovens foi interrompida e os responsáveis precisaram ser chamados. Todos foram orientados e liberados. O motivo da briga não foi informado.


12

CLASSIFICADOS E PUBLICAÇÕES

ALUGA-SE Casa no Jd. Eldorado, c/ 2 dorm, sala, coz., wc, lavand., gar. R$ 900,00. F.:14 - 997144963

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

VENDE-SE TERRENO Localizado na Rua Curuzu Valor = R$130 mil Fone: (14) 99852-9232

VENDE-SE TELEVISÃO Aparelho com contrrole Valor = R$ 90,00 Fone: (14) 99852-9232

ALUGA-SE ÁREA 20.000 m2 Marginal da Rodovia SP 300 próximo ao Parque dos Pinheiros. Fone: (14) 997185543

VENDE-SE MÁQUINA Máquina de lavar Eletrolux 9kg Valor = R$ 300 Fone: (14) 996097924

VENDE-SE TERRENO Terreno 10 x 25 com casa Jardim Santa Cecília V = R$ 110 mil / F: (14) 997430768

VENDE SALÃO + TERR. Localizado na Vila Jardim Valor = R$ 180 mil Fone: (14)99852-9232

OPORTUNIDADE Procura uma “Renda Extra Negócio Próprio”? Fone: (14)99701-8997

VENDE-SE CAMINHONETE S10, ano 2001, Branca, Diesel cabine simples. V = R$ 32.000.00 / F: (14)997185543

VENDE-SE TECLADO Teclado Musical (na caixa) Valor = R$ 350 Fone: (14) 998817513

VENDE-SE CARRO Pickup Corsa Ano 99 documentada Valor = R$ 10.000 Fone: (14) 98177 0327

RECEPCIONISTA Ensino médio completo. Necessário disponibilidade de horário e conhecimento em Excel. Desejável experiência. rhrecepcao2@gmail.com

AUXILIAR DE LIMPEZA Início imediato. Experiência com limpeza de escritório. Para trabalhar de segunda a sábado. rhservicosgerais2@gmail.com

REPRESENTANTE COMERCIAL AUTÔNOMO (Botucatu e Região) - 1 vaga Descrição: Atuar o setor de vendas, fazer prospecção de clientes e representação dos produtos.Trabalhará com carteira de clientes, com metas e objetivos. Perfil: * Experiência em vendas de qualquer produto (um diferencial para alimentos). * Ensino Médio completo. * Conhecimentos em pacote Office. * Comunicação verbal / escrita, dinamismo e poder de persuasão. Interessados enviar currículo para: vendas@festpan.com.br


ASSUNTO: TAMANHO: DATA: ORIGINAL: GRAFFO

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.002 em 2019 RENDA. Caso seja aprovado, será a 1ª vez que o salário irá ultrapassar R$ 1 mil A proposta do Governo do Interno Bruto (PIB, soma Brasil para o salário míni- dos bens e dos serviços mo de 2019 é de R$ 1.002, produzidos no País) dos aumento de 5% em rela- dois anos anteriores. ção ao deste ano, R$ 954. Também na LDO, a equiA Lei de Diretrizes Orça- pe econômica manteve a mentárias (LDO) de 2019, meta de déficit primário que contém a sugestão de em R$ 139 bilhões no próreajuste, foi enviada na ximo ano. quinta-feira (12) para o O déficit primário simCongresso Nacional. boliza o resultado negatiSerá a primeira vez que vo nas contas do governo, o salário irá superar R$ 1 sem o pagamento de juros mil. A regra para o reajus- da dívida pública. te define que o mínimo “A ideia é não criar resdeve ser corrigido pela trições desnecessárias inflação do ano anterior, para o próximo presidenmedida pelo Índice Na-GRxxxxx te”, disse o ministro do GRÁFICO: cional de Preços ao ConPlanejamento, DesenvolASSUNTO: sumidor (INPC), somada TAMANHO: vimento e Gestão, Esteves à variação doDATA: Produto Colnago. (Agência Brasil) ORIGINAL: GRAFFO

DESIGUALDADE DE RENDA

Proposta do salário mínimo de 2019

Os 10% da população com os maiores rendimentos ficavam com 43,3% do total A massa de rendimento médio mensal real domiciliar per capita foi de

R$ 263,1 bilhões

EVOLUÇÃO Em R$

724

678 2013

2014

IBGE

788

2015

937

880

FONTE Dieese/LDO 2019

GRÁFICO: GRxxxxx

2016 ASSUNTO: 2017

POBREZA EXTREMA

RENDA MENSAL R$ 27.213 R$ 754

Índice de Gini* Sudeste

2016 0,535

2017 0,529

Nordeste Norte Centro-Oeste Sul

0,555 0,539 0,523 0,473

0,567 0,544 0,536 0,477

2018

Por 7 votos, STF decide manter Palocci preso

1.002

Por 7 votos a 4, os ministros do STF decidiram manter na cadeia o ex-ministro Antônio Palocci, preso desde setembro de 2016 em Curitiba pela Operação Lava Jato. O tribunal entendeu que não há ilegalidade na duração da prisão preventiva – o ex-ministro reivindicava recorrer em liberdade da condenação a 12 anos e 2 meses de detenção imposta pelo juiz Sérgio Moro, na primeira instância da Justiça Federal.

2019*

Dados de 2017

Famílias nessa situação aumentam 11,2% OS NÚMEROS

Em milhões de pessoas

DESIGUALDADE POR REGIÃO

954

4 NACIONAL

TAMANHO: DATA: ORIGINAL: GRAFFO

(*) Proposta

(*) O índice de Gini é o instrumento que mede o grau de concentração de renda da população, mostrando a diferença entre os rendimentos dos mais pobres e dos mais ricos. Quanto mais próximo de 1, maior a desigualdade de renda. FONTE

> A proposta será encaminhada ao Congresso

> Será a primeira vez que o salário mínimo ficará acima da marca de R$ 1 mil

DADOS DE 2017

1% mais rico 50% mais pobres

13

SEU BOLSO

Ricos receberam 36 vezes acima do que ganharam os pobres 1% mais rico ganha, em média, 36,1 vezes mais que a metade da população mais pobre

NACIONAL

2017 2016

14,83 13,34

FONTE LCA, Pnad Contínua

SITUAÇÃO NAS REGIÕES Em milhões de pessoas Norte Nordeste Sudeste Sul Centro-Oeste

2016

2017

1,95 7,36 2,88 0,70 0,45

1,99 8,16 3,28 0,84 0,56


14

PASSATEMPO

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

RECEITA

LEIA GOURMET Torta de Oreo

INGREDIENTES.

4 pacotes de biscoito oreo 4 colheres (sopa) de manteiga sem sal 4 latas de leite condensado

MODO DE PREPARO. - Separe o recheio do biscoito (a parte branca da preta). - Triture metade dos biscoitos no processador ou liquidificador até atingir consistência de farofa. - Em uma panelinha, derreta a manteiga em fogo médio e incorpore a farofa de biscoito. - Unte com manteiga uma fôrma de 23 centímetros de diâmetro e fundo removível. - Forre o fundo com a farofa de biscoito pressionando com as costas de uma colher.

- Leve ao forno preaquecido a 180ºC por cinco minutos. - Retire e deixe esfriar. - Cubra a lateral da fôrma com a outra metade dos biscoitos (inteiros). - Em uma panela, junte 1/3 do recheio branco reservado com o leite condensado. - Leve ao fogo baixo, mexendo, até atingir o ponto de brigadeiro de colher. Deixe amornar. - Despeje na fôrma sobre a massa de biscoito. - Leve à geladeira por três horas.

HORÓSCOPO Um dia muito especial para a espiritualidade, o autoconhecimento e as questões emocionais.

Negociações envolvendo bens familiares e imóveis estão favorecidas hoje. A prática do desapego pode lhe mostrar o que é realmente essencial.

Você está redesenhando o significado de relacionamento, amizade e companheirismo. O dia favorece estar com pessoas com quem ama. Um dia favorável para carreira, projetos e realizações. Reavalie a forma como você trabalha e as técnicas e procedimentos que utiliza. A Lua, regente canceriano, está em contato com Júpiter. O dia contém uma energia abençoada, que pode te favorecer.

Um dia especial para os relacionamentos e as amizades. Há uma consciência maior de sentimentos e parcerias. Importantes reavaliações em relação aos seus talentos, atividades profissionais e ao modo como lida com a saúde. Um dia que favorece uma compreensão mais profunda de seus sentimentos e necessidades emocionais.

Um dia que pode trazer notícias importantes sobre questões familiares e emocionais. Pode ser requisitado para ajudar algum amigo. Momento que ressalta aprendizados emocionais e espirituais. É uma fase positiva para compreender mais. Um bom dia para refletir sobre o que é realmente prioritário em sua vida. Se fizer negociações, é preciso ter cautela. A Lua, em movimento pelo seu signo, faz contato positivor. É um dia que pode ser de bençãos, de favorecimento e de consciência.

A FRASE "Amigo é aquele que sabe tudo a seu respeito e, mesmo assim, ainda gosta de você". Elbert Hubbard


SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

- SHOPPING BOTUCATU -

DICAS DE LIVROS

CULTURA

15

EXPOSIÇÃO. “Ela resiste” une mulheres de todas as tribos

5 CULTURA NO CINEMA

Confira os horários em: www.cinearaujo.com.br

Na abertura da exposição da fotógrafa Malu Ornelas (primeira à esquerda) grande público, inclusive as mulheres fotografadas

Mães, policial, voluntárias, profissionais, empresárias, educadoras e guerreiras. Com olhar atento e comprometido com a sociedade, a fotógrafa Malu Ornelas reuniu 25 mulheres para abrilhantar a exposição “Ela Resiste”, aberta oficialmente na noite da última quarta-feira, 11, na Galeria Fórum das Artes, espaço integrante do complexo da Pinacoteca Botucatu. Entre as mulheres clicadas está a professora Nora Santos Silva. Para ela, Malu conseguiu colocar no mesmo espaço mulheres de todas as tribos, numa pluralidade bela e intensa. “Ela conseguiu proporcionar uma harmonia coletiva e nos devolve o lugar onde as

nossas diferenças se somam criando e recriando o encontro vital da nossa comunidade. Em tempos de isolamento, encontros como este é bálsamo. Obrigada Malu”, elogiou a professora. Irreverente e audaciosa, as imagens captadas pela fotógrafa sempre têm um apelo além do que está exposto e leva o público a refletir as suas questões. Defensora das causas sociais, principalmente nas questões que envolvem as mulheres, Malu expressa através do seu olhar o poder de cada indivíduo, independente de raça, cor ou credo. “Eu tenho uma profissão que me faz enxergar além das necessidades das pessoas e poder mostrar meu

trabalho já posso mudar um pouquinho o mundo. Acho fantástico que ações como essas unem as pessoas e isso que é amor, a união”, declarou Malu. Durante a abertura da exposição, o Conselho Municipal de Políticas para Mulheres prestou uma homenagem à fotografa, com entrega de placa de prata em reconhecimento da luta em prol dos Direitos Humanos e especial a luta pelos direitos das mulheres. O MAC Itajahy Martins organiza exposições temporárias desde 2014, na Galeria Fórum das Artes, espaço integrante do complexo da Pinacoteca Botucatu. A exposição ficará aberta ao público de

12 de abril a 14 de julho, de terça a sexta-feira, das 9 às 17 horas, e aos sábados das 11 às 17 horas, com entrada franca e classificação livre. A Galeria Fórum das Artes está localizada na Avenida Dom Lúcio, 51. Agendamento de visitas educativas deve ser feito através do telefone 38111481 ou pelo e-mail forumdasartes@yahoo.com. A exposição “Ela Resiste” é uma realização da Prefeitura Municipal de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Cultura e Fórum das Artes, com apoio cultural da Dell Anno, Doutor Resolve, Eletti Informática, Maria Pia Beauty Artist e Peres e Aun Advogados e Associados. (Comunicação)

Rampage

Jogador Nº 1

Nada a Perder

- SHOPPING BOTUCATU Acompanhe a Empório Cultural no Facebook: @emporioculturalbotucatu

Um Lugar Silencioso

@emporioculturalbotucatu

* Programação sujeita a alteração


16

TREVO - SHOPPING DA CONSTRUÇÃO

SEXTA-FEIRA / SEGUNDA-FEIRA, 13 / 16 DE ABRIL DE 2018 www.leianoticias.com.br

Jornal Leia Notícias - Edição 185  

Edição 185 - ano 02 Sexta-feira / Segunda-feira (13 - 16/04/2018)

Jornal Leia Notícias - Edição 185  

Edição 185 - ano 02 Sexta-feira / Segunda-feira (13 - 16/04/2018)

Advertisement