__MAIN_TEXT__

Page 1

ARUJÁ - BERTIOGA

BIRITIBA MIRIM

FERRAZ

GUARAREMA

ITAQUAQUECETUBA

MOGI DAS CRUZES

POÁ

SALESÓPOLIS

SANTA BRANCA  SANTA ISABEL

SUZANO RENAN XAVIER

BELEZA REGIONAL Confira o ensaio da bela Greyce Kelly, uma homenagem do Gazeta aos 455 anos de Itaquá |PÁGINA 16|

UM OLHAR CRÍTICO SOBRE O ALTO TIETÊ

ANO 8 | NO 134 | 11 A 19 DE SETEMBRO DE 2015

DIRETOR: LAERTON SANTOS R$ 1,00

Vitória para a região: Estado aprova Lei Específica Alto Tietê Cabeceiras Em votação histórica, Alesp aprova projeto de lei elaborado pelo CBH-AT, presidido pelo prefeito de Salesópolis, Benedito Rafael (PSD) Com unanimidade de votos, a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou, no dia

8, o projeto de Lei Específica do Alto Tietê Cabeceiras. Na prática, a nova legislação pode tirar da irregu-

laridade centenas de loteamentos na região, garantindo a milhares de pessoas acesso a direitos sociais. O mu-

nicípio de Salesópolis promete ser um dos maiores beneficiados pela lei, que contou com o trabalho do

Nego: “o turismo Fundo Social será prioridade arrecada 32 se eu for eleito” mil peças

TONINHO LEMES/DIVULGAÇÃO

Na contramão do restante de Itaquá, Jardim Josely avança na urbanização de suas ruas Moradores do Jardim Josely atribuem avanços às mediações políticas do vereador Roberto Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal. Desde o ano passado, mais de 11 ruas receberam pavimentação asfáltica e implantação de guias e ga-

prefeito Benedito Rafael (PSD), também presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê. | PÁGINA 3|

lerias pluviais. Bairros adjacentes como o Parque Nossa Senhora das Graças, Jardim Pinheirinho, Marengo, Vila São Paulo, Jardim Lucinda, Parque São Pedro, Louzada, Jardim Nicea também receberam obras solicitadas pelo parlamentar. |PÁGINA 9|

Em entrevista ao Gazeta Regional, o pré-candidato à Prefeitura de Salesópolis, José Francisco Citrangulo, o Nego, revelou detalhes do seu ingresso ao PSB e da decisão de disputar o pleito de 2016; comentou o momento socioeconômico do município e declarou, em comparação com os adversários. |PÁGINA 4|

Mais de 32 mil peças de roupas foram arrecadadas e doadas pelo Fundo Social de Solidariedade de Biritiba Mirim, na Campanha do Agasalho. No último dia 4, o Fundo promoveu o encerramento, realizado nas instalações do Centro Pastoral. Os trabalhos foram dirigidos pela primeiradama Roberta Taino. |PÁGINA 13|

Bombeiros civis podem ser exigidos

Na edição 135: aniversário de Guararema

Um projeto de lei municipal que prevê a obrigatoriedade de bombeiros civis em estabelecimentos comerciais pode ser votado na Câmara. Em fase de elaboração, o texto será apresentado em assembleia da categoria e seguirá para a mesa do vereador Iduigues Martins (PT), que a apresentará aos demais vereadores. |PÁGINA 11|

Na próxima edição, que estará nas ruas a partir do dia 19, o Gazeta regional trará uma série de reportagens sobre o município de Guararema, que completa 116 anos na mesma data. Os leitores que quiserem encaminhar sugestões de pauta para a reportagem podem entrar em contato com o jornal. Telefone na página 2. RENAN XAVIER

NA LAMA DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Na semana de seu aniversário de 455 anos, município de Itaquá apresenta o pior índice de vulnerabilidade social (IVS) da Grande São Paulo, segundo levantamento oficial do IPEA. Os números confirmam uma triste realidade, diversas vezes retratada neste jornal. Confira matéria completa. |PÁGINA 7|

OPINIÃO EDITORIAL

Os desafios de Itaquaquecetuba, que completou 455 anos no último dia 8, são tema do editorial desta edição

ARTIGO

BRUNO CAETANO

Superintende do Sebrae-SP fala sobre as oportunidades para os desempregados

ARTIGO

ROBERTO DE LUCENA

Pastor e secretário de Estado do Turismo fala sobre os 14 anos do “11 de setembro de 2001”

ENTRE EM CONTATO PELO NOSSO WHATSAPP

97296-4618


2

OPINIÃO

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

Editorial

ARTIGOS

Desemprego empurra para o negócio próprio

Itaquá: entre o medo e a esperança Itaquaquecetuba recebeu um nome de origem tupi que significa, em termos literais, “lugar abundante de taquaras cortantes como facas”. 455 anos depois, o município fundado às margens plácidas e tortuosas de um rio, parece, agora sim, cortado, ferido – mas não por taquaras. Itaquá padece num profundo abandono. Amargando quase sempre as piores posições em indicadores sociais, educacionais e econômicos, a cidade não sabe se inspira medo ou esperança em seus moradores. De um lado, um povo

que trabalha, mas não vê o fruto de seu suor materializado em melhorias de vida; do outro, uma série de gestões públicas ineficientes. O resultado de vários anos de inércia política se traduz nos péssimos indicadores sociais da cidade, em quase todos os levantamentos oficiais. Outro agravante, talvez o principal, é o crescimento desordenado da população, que ocupa áreas irregulares. É o trágico teatro da luta por moradia, encenado todos os dias pelas periferias do Estado. Num estudo que usa

FLASH DA EDIÇÃO

Por Bruno Caetano

como parâmetros saneamento básico, mobilidade urbana, saúde, educação, renda e trabalho, Itaquá é a cidade com o maior risco social de toda a Grande São Paulo. Quem revela são os números do último índice de vulnerabilidade social (IVS), levantamento realizado pelo IPEA. Um em cada três pessoas vive com menos de R$ 250 reais por mês; as mulheres predominam neste perfil econômico. Das crianças de até 5 anos, apenas quatro em dez estão matriculadas em creches. A situação é difícil de imaginar:

de viver, é quase impossível. Mas a qualidade de vida tem avançado em algumas regiões da cidade, o que ainda alimenta certa esperança. Há bairros, como no Jardim Josely, em que a esperança parece mais uma vez brotar. Com um processo histórico de pavimentação de ruas, os moradores exaltam os ganhos em mobilidade e saneamento. Na edição da semana de aniversário de Itaquaquecetuba, o Gazeta Regional traz esses dois lados opostos do município: o da esperança e o do desalento.

LÍNGUA DE TRAPO DIVULGAÇÃO

O ex-senador e secretário de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de São Paulo, Eduardo Suplicy, estará em Suzano na próxima quarta, dia 16, como um dos convidados da Olimpíada de Filosofia, organizada pela Escola Estadual Oswaldo de Oliveira Lima (Rua Planalto, 200, Jardim Revista, Suzano). O evento será aberto na terça, dia 15, e seguirá até o dia 17, sempre das 19 horas às 22h30. A entrada é gratuita e aberta ao público em geral. Suplicy ministrará palestra sobre direitos humanos.

MAMORU NO PSDB Durante evento de novos filiados realizado no Esporte Clube Sírio, na Capital paulista, no último dia 10, o governador Geraldo Alckmin abonou a ficha de filiação ao PSDB do prefeito de Itaquaquecetuba, Mamoru Nakashima, na presença de cerca de 4 mil pessoas. Além de Alckmin, estiveram presentes ao encontro os senadores Aécio Neves, presidente nacional da sigla, José Serra, e Aloísio Nunes, além de diversos deputados federais e estaduais, e outros dirigentes e correligionários. DIVULGAÇÃO

Maria do Carmo Bicudo Barbosa, filha do advogado Hélio Bicudo, 93, um dos fundadores do PT, que apresentou à Câmara pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Para alguém dedurar, ele precisa ter o que dedurar

Marcelo Odebrecht, presidente da construtora Odebrecht, preso desde 19 de junho, rejeitando a possibilidade de fazer delação premiada na Operação Lava Jato.

SEMPRE EM SALESÓPOLIS Comenta-se nas ruas de Salesópolis que um vereador das antigas e que ainda tem um acento no atual legislativo, após vários pedidos particulares ao prefeito Benedito Rafael da Silva (PSD), visando o favorecimento de parentes, vai soltar uma carta na cidade se desligando de Rafael. No conteúdo da carta, informações que, segundo interlocutores, não procedem. É aguardar para ver se procede o comentário que surgiu dentro de um estabelecimento comercial. Dica: o vereador gosta de jogar sinuca!

ECONOMIA E por falar em Salesópolis, a prefeitura de Salesópolis tem procurado reorganizar o atendimento de suas Secretarias. Nos últimos meses, as pastas têm sido concentradas no prédio onde antes estava estabelecido o Restaurante Luso Brasileiro. A decisão da administração municipal dá a entender que, além de facilitar o acesso da população às Secretarias, o objetivo também é economizar o dinheiro aplicado em alugueis.

EXONERAÇÕES Foram exonerados seis de um total de oito funcionários da Prefeitura de Mogi das Cruzes apontados pelo Ministério Público (MP) como parentes de vereadores da cidade. A dispensa foi comunicada na Portaria Nº 4.630 do Diário Oficial.

DIRETOR RESPONSÁVEL: laerton Santos REDAÇÃO: lailson Nascimento, Renan Xavier e Walmir Barros COMERCIAL: Raphael Santos e Crisóstomo Vaz PROJETO GRÁFICO: Márcia Monteiro ASSESSORIA JURÍDICA: gilson Pereira dos Santos - oAB/SP 266711 ANO 08 | NO 134 | 11 A 19 de setembrO de 2015

Telefones: (11)97296-4618 | (11)96681-9300 | (11)3374-1826 E-MAIL: reportagemgazetaregional@gmail.com

Bruno Caetano é diretor superintendente do Sebrae-SP

O fatídico 11 de setembro Por Roberto de Lucena

ENTRE “aspas”

Ele está em pleno exercício de suas faculdades mentais, mas cometeu um equívoco

O aumento do desemprego tem provocado uma espécie de migração em massa de trabalhadores em todo o País. Segundo o IBGE, na comparação do segundo trimestre de 2014 com igual período deste ano, cerca de um milhão de pessoas que perderam a ocupação com carteira assinada passaram a fazer bicos ou montar negócios próprios, o que equivale a uma alta de 4,7% no indicador. Esse contingente de demitidos viu no trabalho autônomo a tábua de salvação para obter renda, já que a recolocação nos moldes anteriores ganhou um grau extra de dificuldade no ambiente de deterioração econômica atual do Brasil. Em julho, a taxa de desemprego nas seis principais regiões metropolitanas do País atingiu 7,5%. Foi sétimo aumento seguido e representa o maior índice desde março de 2010. Na análise apenas dos meses de julho, é a taxa mais alta desde 2009, de 8%. Não há nenhum problema em escolher trabalhar por conta própria, não fossem as circunstâncias em que isso vem ocorrendo. Em boa parte dos casos, este aspirante a empresário não está preparado. A iniciativa surge do desespe-

ro e sem planejamento. Claro que quem monta uma empresa nessas condições pode ser bem-sucedido, porém, também é óbvio que terá muito mais dificuldade. Provavelmente, esse sujeito vai aplicar todas as suas economias e a verba da rescisão contratual recém-recebida. Dada tal realidade, é crucial o novo empreendedor ter o mínimo de calma para pensar no assunto e tomar algumas providências; melhor demorar um pouco mais para colocar a mão na massa do que precipitar-se, fazer um mau investimento e viver uma experiência frustrante e traumática. Para dar o passo inicial, é aconselhável escolher um ramo com o qual tem afinidade e conhecimento. Depois, é preciso checar a viabilidade da ideia. Quais são os custos? Há mercado? Quem são os concorrentes? Qual a perspectiva de lucro? Quem é o público-alvo? Quais os riscos? Quais as oportunidades? É fundamental buscar informação e qualificação. Cursos, palestras, consultorias, leituras, participação em feiras de negócios, tudo é válido para adquirir conhecimento e implementá-lo no dia a dia da empresa. Quanto mais capacitação, maior a possibilidade de acertar.

Neste mês, chegamos aos 14 anos da fatídica manhã de 11 de setembro de 2001: dia que marcou para sempre a história da humanidade. Naquela ocasião, na condição de presidente nacional da Igreja O Brasil Para Cristo, denominação pentecostal à qual sirvo orgulhosamente como pastor, estava no interior do Rio Grande do Sul, na região de fronteira, visitando o nosso povo querido, cidade por cidade, na companhia do então presidente da Convensul — que é um órgão da igreja —, meu particular companheiro e precioso amigo, Reverendo João Manoel Machado. Estávamos em nosso desjejum no restaurante de um hotel, quando as primeiras imagens da colisão de um avião com a primeira das torres do World Trade Center começaram a ser exibidas, ao vivo, pelo canal de televisão regional. Era inacreditável. Parecia, na verdade, a todos nós tratarse de um trágico e infeliz acidente aéreo. Minutos depois, quando o segundo avião colidiu com a segunda torre, um sentimento de pavor tomou conta do ambiente. As

ARUJÁ - BERTIOGA - BIRITIBA MIRIM - FERRAZ DE VASCONCELOS - GUARAREMA - ITAQUAQUECETUBA - MOGI DAS CRUZES - POÁ SALESÓPOLIS - SANTA BRANCA - SANTA ISABEL - SUZANO o gazeta Regional não se responsabiliza pela autenticidade dos anúncios publicados, nem pela credibilidade dos anunciantes e a qualidade dos produtos por eles oferecidos, sendo todos de única e exclusiva responsabilidade dos anunciantes Artigos assinados não refletem a opinião do jornal; a divulgação acontece visando ampliar o debate democrático

Apoio:

cenas eram apocalípticas. Aturdidos, acompanhamos, em diferentes emissoras de televisão os comentários de jornalistas, políticos e analistas internacionais. Ficou claro que se tratava de um atentado terrorista planejado com bastante antecedência e executado com frieza e atrevimento, com o objetivo de humilhar e afrontar o povo americano. Um mês depois eu estava lá em Manhattan, no Marco Zero. Era final de tarde quando caminhava por entre as inúmeras coroas de flores, fotografias, cartas, faixas, no local onde funcionava anteriormente uma estação de metrô e onde, imponentes, apontavam para o céu, até 30 dias antes, as torres gêmeas. Ali fiz as minhas orações e senti a dor das famílias, a dor daquele povo na aguda tristeza que se misturava ao ar. Naquele 11 de setembro não apenas a nação americana foi ferida, mas toda a humanidade. Crimes como esse são crimes contra toda a raça humana, que se repetem ao longo da história, e ainda hoje fazem milhares de vítimas. É a Síndrome de Caim e Abel. Roberto de Lucena é pastor e secretário estadual de Turismo


Cidades

3

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

O Sebrae e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Arujá realizam a Semana do Empreendedorismo, que acontece 14 a 17 de setembro no Espaço Empreendedor, em Arujá. O encontro é gratuito e direcionado a micro e pequenos empresários.

LEI ESPECÍFICA

Aprovada lei ambiental que pode acelerar o crescimento da região Alesp aprova Lei Específica do Alto Tietê Cabeceiras; diversos municípios da região devem ser diretamente beneficiados com novas regras RENAN XAVIER

DIVULGAÇÃO

Com unanimidade de votos, a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou, no último dia 8, o projeto de Lei Específica do Alto Tietê Cabeceiras. O projeto apresenta uma série de mudanças para a legislação vigente, suprindo deficiências históricas que comprometeram diretamente o desenvolvimento da região. A nova lei leva em consideração as necessidades específicas de cada região, permitindo a regularização de loteamentos já ocupados, além de proteger e recuperar a bacia. O texto seguirá para o Palácio dos Bandeirantes, onde será avaliado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). O prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva (PSD) assegurou que Alckmin deverá assinar a sanção da lei - gesto simbólico -, no município, onde nasce o rio Tietê. A votação do projeto de lei contou com o empenho de todos os deputados da região, em especial dos deputados André do Prado (PR) e de Estevam Galvão (DEM), autor de duas emendas aglutinativas que garantirão a criação do Corredor industrial na Rodovia Índio Tibiriçá (SP-31), em Suzano, e o envio do Plano de Desenvolvimento e Proteção Ambiental (PDPA) da Bacia Hidrográfica do Rio Guaió para o Comitê do Alto Tietê, no prazo máximo de 180 dias, beneficiando o município. “Agora começa uma nova realidade para os municípios de Salesópolis, Biritiba Mirim, Mogi das Cruzes e Suzano. É uma grande vitória porque será feita uma justiça social para a nossa região, porque Salesópolis e Biritiba Mirim têm 99% de seu território em áreas de mananciais. Este projeto, além de proteger as nossas nascentes, vai possibilitar regularizar moradias e trará uma nova realidade para a nossa região”, comemorou André do Prado, um dos principais articuladores da lei. Estevam também elencou alguns benefícios que a aprovação da lei trará para municípios da região. “Trata-se de um projeto importantíssimo e que vai garantir o crescimento, desenvolvimento e geração de emprego e renda para toda a região do Alto Tietê. É resultado de muito debate, estudo e união de forças para sua aprovação”, destaca.

Por Renan Xavier De Salesópolis

Em destaque, o rio Paraitinga, que é visto como ‘entrave’ para o desenvolvimento de Salesópolis; deputados estaduais comemoram a aprovação da lei

TEMPO DE COMEMORAR

JURISDIÇÃO

Rafael exalta aprovação de lei como chave para emancipação econômica

Prefeito comemora elevação do município à Comarca

LAILSON NASCIMENTO

O prefeito Benedito Rafael da Silva (PSD), de Salesópolis, está eufórico com a aprovação da nova lei ambiental. Não é para menos. A minuta do projeto de lei foi resultado direto de seu trabalho como presidente do Subcomitê do Alto Tietê Cabeceiras e, também, do Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê. Com a aprovação do projeto na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), o chefe do Executivo salesopolense teve seu esforço coroado e já avalia os benefícios que a nova lei trará à população. Salesópolis, vale destacar, ganhou evidência na questão ambiental dos mananciais porque 98% de seu território está enquadrado na antiga lei. Com a mudança jurídica, diversos loteamentos poderão ser regularizados, o que incrementará a arrecadação municipal e, em contrapartida, viabilizará investimentos sociais onde antes era proibido por lei. “Atualmente nós temos 67 comunidades que não recebem água ou não têm sistema de tratamento de esgoto. Agora, com a lei, nós poderemos reverter esse cenário”, comenta o prefeito. Rafael ressaltou que o município finalmente se emancipou e agora tem ferramentas para crescer, mas destacou a importância de que esse crescimento ocorra de forma ordenada. “O crescimento urbano de Salesópolis deve ser de forma ordenada, regularizada, com ampla zona rural preservada e protegida, produzindo água, mas com o produtor

Por Lailson Nascimento De Salesópolis

deste recurso recebendo por isso”. Rafael destacou como próxima meta a compensação financeira pelo fornecimento de água: “para poder dar mais saúde e qualidade de vida para os moradores”, justificou. EXPECTATIVAS “Estamos começando um processo de emancipação do município. É toda uma estrutura que necessitávamos, inclusive, para arrecadar mais. Todas as ferramentas que nós conseguimos irá gerar mais arrecadação. Uma empresa do Paraná, por exemplo, está querendo vir para cá. É uma empresa multinacional, do setor de madeira, que já está procurando terreno, inclusive. Ela deve gerar cerca de 200 empregos. Mas a cidade tem

BENEDITO RAFAEL: “O município finalmente se emancipou e agora tem ferramentas para crescer, mas isso depende dos futuros gestores” que ter gestor capacitado para cuidar disso. Se entrar um aventureiro, que só vai prestar atenção nos incêndios, vai tudo por água abaixo. Tenho priorizado um trabalho de regulamentação, reestruturação do município, e os resultados estão aparecendo. Tenho certeza que, agora, a partir da próxima gestão, as coisas vão andar melhor”, concluiu Rafael. (R.X.)

No fim de agosto, Salesópolis foi beneficiada pelo projeto de lei complementar nº 49/2014, aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). Na ocasião, a Vara Distrital do município foi elevada à categoria de Comarca. No entendimento do prefeito Benedito Rafael da Silva (PSD), a cidade recebeu duas boas notícias simultaneamente. “Com a Lei Específica, vamos trabalhar com a questão da regularização fundiária, na questão da escrituração das propriedades, terrenos. Então, será fundamental um Cartório de Registro de Imóveis na cidade. Portanto, a Comarca chegou em boa hora”, avaliou o prefeito. Rafael também revelou que a cidade ganhou um novo juiz titular, que já fez uma visita à prefeitura. “Ele está muito consciente do momento da cidade, e comprometeu-se a ser um parceiro da população, entendendo a nossa realidade. Isso vai ajudar muito também”, concluiu.

47 anos de credib ilidade

Advocacia, Contabilidade, Imobiliária e Despachante Fones: (11) 4696-0902 / 4696-1309 / 4696-1652 | e-mail: orgprado@bol.com.br | Rua Pedro Rodrigues de Camargo, 167 – Centro - Salesópolis


4

SALESÓPOLIS

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

POLÍTICA

Nego: “Salesópolis precisa atingir autonomia existencial da economia” Pré-candidato pelo PSB, Nego diz que, se eleito, focará na geração de receita para o município; compensação da água e turismo são apostas Por Renan Xavier De Salesópolis

Em entrevista ao Gazeta Regional, o pré-candidato à Prefeitura de Salesópolis, José Francisco Citrangulo, o Nego, revelou detalhes do seu ingresso ao PSB e da decisão de disputar o pleito de 2016; comentou o momento socioeconômico do município e declarou, em comparação com os adversários, se considerar o mais experiente e preparado para governar a cidade. O pessebista ainda falou sobre quais serão as prioridades de governo, caso eleito, e teceu críticas à atual gestão. CENÁRIO Segundo Nego, Salesópolis passa por um momento difícil, social e economicamente - seguindo a tendência do próprio país. Na sua visão, não importa o candidato que vença as eleições: “Se não tiver recursos financeiros para se governar, ninguém vai resolver”, reconhece. Suas propostas para viabilizar tais recursos consistem em intensificar as bandeiras da compensação pelo fornecimento de água e o desenvolvimento do turismo local. O tema turismo foi enfaticamente levantado pelo ex-prefeito como fundamental para o desenvolvimento de Salesópolis. “Turismo não é apenas receber pessoas de todo o estado, mas sim, gerar receita. Receita para os setores comerciais e hoteleiros do município”, defende. ADVERSÁRIOS “Eu não tenho nada contra meus futuros adversários. Acredito que todos terão uma hora certa, mas no momento eles apresentam limitações e não estão moldados para o cargo. Não é hora para ‘aprendizes’”, afirmou Nego. A declaração se dirige a possíveis opositores durante as eleições sem experiência no cargo máximo do Executivo municipal. PSB Nego afirma que decidiu disputar as eleições de 2016 pelo PSB após reunião com o vicegovernador do estado, Márcio França, também presidente estadual do partido. Durante o encontro, França teria destacado o

LAISON NASCIMENTO

papel estratégico de Salesópolis, enquanto fornecedor de água para o Estado, e feito um convite formal para a candidatura de Nego pela legenda. Rebatendo acusações de que seria um gestor atrasado, devido a sua experiência frente ao Executivo salesopolense ter sido há 20 anos, Nego descreveu como “muito fracas” as afirmações. “A Constituição é a mesma, a Lei orgânica do Município também não mudou. E eu duvido que tenha um candidato que as conheça melhor que eu”, desafiou. O pré-candidato garantiu que, caso eleito, não retornaria ao passado, mas retomaria al-

NEGO: “Turismo não é apenas receber pessoas de todo o Estado, mas sim, gerar receita para os setores comerciais do município”

guns valores políticos que, em sua visão, se perderam com o tempo, como moral, trabalho e respeito à população. Nego ainda destacou que em seu mandato como prefeito, entre 1993 e 1996, investiu mais em asfalto, escolas e remédios que os últimos dois prefeitos a governar Salesópolis (Rafael e Bolinha). Ainda sobre seu mandato, destacou que entregou a prefeitura para o sucessor sem pendências com o Tribunal de Contas ou dívidas, como poderá recebê-la, caso eleito. “Dos ex-prefeitos da cidade, o único que tem o nome limpo sou eu”, concluiu.

SAÚDE

“A Saúde está passando por uma reestruturação”, diz Rafael “A Santa Casa precisa cumprir o seu papel dentro de um sistema de saúde organizado”. Com essas palavras, o prefeito de Salesópolis Benedito Rafael da Silva (PSD) explicou, em entrevista exclusiva, o motivo pelo qual a unidade de saúde atende, desde o último dia 4, apenas os casos de urgência e emergência. Apesar das críticas da população e das consequências políticas que a decisão pode acarretar para o chefe do Executivo, Rafael entende que essa é a maneira mais eficaz para se otimizar o serviço público de saúde no município. O prefeito revelou que a decisão de reestruturar o sistema municipal de Saúde partiu de uma reavaliação dos gastos com o setor. “Nosso orçamento, hoje, está em torno de R$ 34 milhões. Na Saúde, nós gastamos mais de R$ 10 milhões, divididos na Atenção Básica, Pronto Atendimento e serviços diversos. Esse dinheiro precisa ser bem aproveitado”. Segundo o prefeito, a própria Secretaria Estadual da Saúde aconselhou a administração municipal a rever a maneira como a verba tem sido aplicada. “O setor é normatizado pelo Ministério da Saúde. Eu levei o assunto para o Secretário de Estado da Saúde e ele me disse uma coisa: ‘Prefeito, como é que o senhor vai melho-

PAOLO OLIVEIRA/DIVULGAÇÃO

rar o atendimento na Santa Casa, se está gastando nela o que não é para ser gasto? ’”, disse. COMO FICA Nesse contexto, a reestruturação da Saúde se dará da seguinte maneira: os atendimentos de urgência e emergência continuarão a ser oferecidos pela Santa Casa. Como exemplo, Rafael cita casos de fraturas, pressão alta, ameaças de AVC (Acidente Vascular Cerebral), entre outros. “Nos casos mais urgentes, a Santa Casa já remove para Mogi, por meio da rede SAMU, que a gente também paga por isso”, completou o

BENEDITO RAFAEL: “Estamos acertando a gestão da Saúde, para que os recursos públicos sejam melhor utilizados para este fim” gestor. Por outro lado, as consultas de rotina, que estavam sendo direcionadas para a Santa Casa, serão realizadas nas unidades

de Atenção Básica (os Postos de Saúde). “Estamos acertando a gestão da Saúde, separando o que é preventivo da área de urgência e

emergência, para que possamos aproveitar melhor os recursos. Todos os municípios estão fazendo isso. Não podemos mais misturar o atendimento. Com esse redirecionamento, a gente vai forçar a Atenção Básica a atender melhor. Já percebemos um aumento na procura pelos postos de saúde. É uma questão de cultura e costume, que precisa ser mudada na cidade”, concluiu o prefeito. SANTA CASA De acordo com a direção da Santa Casa, atualmente, o hospital deve cerca de R$ 3,5 milhões. Além desse fato, o repasse mensal de R$ 240 mil do município já não é mais suficiente para a planilha de custo da unidade, que é estimada em R$ 360 mil por mês. Apesar da reestruturação, a Santa Casa poderá voltar a atender no modo que é conhecido como ‘portas abertas’. Para tanto, a Secretaria Municipal da Saúde está desenvolvendo um plano de trabalho mais adequado para a unidade, que será entregue à Secretaria Estadual da Saúde. Por meio desse documento, o prefeito espera passar a contar com um repasse extra de R$ 2 milhões do Governo do Estado. O pedido, inclusive, já foi feito ao governador Geraldo Alckmin (PSDB).


Negócios

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

5

INFORME PUBLICITÁRIO

Lourenço Contabilidade: assegurando solidez às empresas com criatividade

O Brasil conta, atualmente, com 6,4 milhões de estabelecimentos comerciais, segundo o Sebrae. Desse total, 99% são micro e pequenas (MPEs). Por outro lado, de janeiro a junho deste ano, pelo menos 191 mil firmas deram baixa em seus registros nas juntas comerciais do País, representando 82,3% do universo de 232 mil abertas no período. Diante das expressivas estatísticas, entende-se que um dos principais passos para a sustentabilidade de um empreendimento – seja ele de pequeno, médio ou grande porte – está relacionado à contabilidade. Em suma, é ela quem garante a saúde do negócio, buscando o equilíbrio entre as receitas e as despesas do empreendimento. Nesse contexto, o escritório Lourenço Contabilidade está plenamente capacitado para oferecer as condições necessárias para o sucesso da sua empresa. Estabelecido em Salesópolis, o escritório Lourenço Contabilidade oferece ferramentas fundamentais para a gestão financeira do seu negócio. “Desde o início das nossas atividades, entendemos que a contabilidade nada mais é do que prestar consultoria ao empreendedor. A Lourenço acompanha todas as questões burocráticas que envolvem os negócios dos nossos clientes, desde a elaboração de contratos e cálculos das obrigações trabalhistas. Mas, o nosso diferencial é justamente criar modelos de gestão que garantam crescimento às empresas”, explica o proprietário do escritório, Pedro Henrique dos Santos Lourenço. No entendimento dele, em um ambiente empresarial extremamente competitivo, a tomada de decisões para o crescimento de um negócio precisa estar embasada no impacto sobre as finanças no curto, médio e longo prazo. “Os investimentos são essenciais para alavancar a empresa. Entretanto, somente um escritório de contabilidade é capaz de compreender os riscos que uma movimentação financeira pode tra-

Por meio de uma equipe altamente capacitada, a Lourenço Contabilidade desenvolve diversos serviços

FOTOS DIVULGAÇÃO

PEDRO LOURENÇO: “ A Lourenço está preparada para fazer com que o crescimento da sua empresa esteja amparada em uma sustentabilidade financeira”

LOURENÇO CONTABILIDADE: ASSESSORIA CONTÁBIL, TRIBUTÁRIA, TRABALHISTA E EMPRESARIAL Serviços oferecidos: Declaração de Imposto de Renda 

Declarações federais, estaduais e municipais

Quadro societário 

Consultoria

 Assessoria a profissionais liberais 

Terceirização de serviços

Rua XV de Novembro, 638 Centro - Salesópolis e-mail: lourencontabilidade@ gmail.com Tel. (11) 4696-3823 / Cel. (11) 97479-6656

zer para a saúde da empresa. É neste sentido que atuamos”, explica Pedro Lourenço.

EXPERIÊNCIA Para garantir qualidade ao serviço, o profissional de contabilidade necessita, principalmente, de uma boa formação. E isto é um dos diferencias de Pedro Lourenço. Antes de decidir investir em seu próprio negócio, o empreendedor adquiriu vasta experiência em uma empresa de renome da região, o que lhe garantiu visibilidade e respeito dentro do setor. Mas, quem pensa que, com o sucesso, ele parou no tempo, está enganado. “Sempre que posso, procuro novos cursos, novas maneiras de oferecer os serviços aos meus clientes. A inovação é o que garante a satisfação deles”, resume. Além de atender clientes de todo o Alto Tietê, a Lourenço Contabilidade também mantém clientes no litoral paulista e em Brasília. Por conta disso, o próximo objetivo da empresa é ampliar os negócios na região, começando por um novo escritório em Mogi das Cruzes.


6

SALESÓPOLIS

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

ATUAÇÃO

Por meio da iniciativa do subprefeito Mineiro, Remédios recebe melhorias Distrito de Salesópolis já recebeu, segundo balanço divulgado por Mineiro, diversas obras que eram cobradas pelos moradores da localidade LAERTON SANTOS

FOTOS DIVULGAÇÃO

nistração municipal realizou o “patrolamento do morrão que dá aceso ao bairro. Por lá, é grande o movimento de carros e caminhões de verduras, além das vans escolares. Esse serviço também já foi concluído”. Já na estrada que liga Salesópolis ao município de Santa Branca, a subprefeitura realizou o melhoramento de um trecho da via, além de limpeza de tubos e canaletas, implantação de tubulação e ‘patrolamento’ da estrada. Mineiro ressalta que a via é vicinal. PRÓXIMOS OBJETIVOS Até o fim de 2015, Mineiro pretende se dedicar à constituição da Associação de Moradores do Bairro do Serrote. “Por meio dela, os moradores terão mais força e organização para buscar melhorias para o bairro. O pessoal já se reuniu com o prefeito e estão se organizando. Da nossa parte, estamos apoiando em tudo o que é necessário”, ressaltou. Além disso, Mineiro reforçou o compromisso de continuar atendo às demandas dos moradores locais. “Já temos programada a limpeza da rua próxima à Sociedade dos Moradores do Serrote, dentre outras ações. O importante é que contamos com o apoio do prefeito Benedito Rafael da Silva (PSD)”, concluiu o subprefeito.

Mineiro tem procurado atender as demandas locais

Implantação de redes de tubos e a recuperação de estradas estiveram entre as prioridades do subprefeito nos primeiros meses INFORME PUBLICITÁRIO

Bar R&S se mantém como um dos estabelecimentos mais frequentados Quando se visita uma Estância Turística, não dá para deixar de se conhecer um estabelecimento comercial que tenha as características da cultura local. No município de Salesópolis, este é o caso do Bar R&S, cuja direção está sob o comando dos comerciantes Sandra Nunes e Rogério de Souza, o Bicudo. No local, o cliente encontra desde cachaças e carvão artesanais, petiscos, bebidas, entre outros produtos. No entanto, os principais diferenciais do R&S são o churrasquinho aos finais de semana e os torneios de bilhar, que deverá chegar à 8ª edição até o fim do ano. Segundo Sandra, seu estabelecimento é bem frequentado devido ao atendimento do local. “Tratamos todos os clientes bem, porque, além da questão do negócio, todos são nossos amigos. Acredito que, por isso, todo mundo gosta da gente”.

DIVULGAÇÃO

SERVIÇO

O Distrito Nossa Senhora dos Remédios, em Salesópolis, está recebendo uma série de serviços por meio da subprefeitura. Chefiada por Paulo Monteiro, o Mineiro do Restaurante, a subsede da prefeitura no Distrito tem levado os serviços da administração municipal para os bairros de Itaguassu, Serrote e as adjacências que compõem o Remédios. De acordo com Mineiro, o prefeito Benedito Rafael da Silva (PSD) tem dado todo o apoio necessário ao seu trabalho. Assim como o Gazeta Regional divulgou em sua edição de número 130, Mineiro está à frente da subprefeitura do Remédios desde junho deste ano. Devido à boa relação que ele mantém com os moradores dos bairros que compõem a comunidade (Remédios, Bragança, Serrote e adjacências), o subprefeito tem procurado atender, na medida do possível, à todas as demandas apontadas pela população. “No Itaguassu, instalamos uma rede de 16 tubos que serve para o escoamento das águas pluviais na estrada de Campos. A obra já era uma reivindicação antiga da população, que não aguentava mais ter o trânsito de veículos impedido por conta do problema, inclusive as vans escolares. Essa obra já foi concluída”, apontou Mineiro. Na estrada do Serrote, próximo à propriedade de um homem conhecido como Narciso, a subprefeitura também implantou uma rede com 12 tubos, além de ter aplicado um material semelhante a cascalho no pavimento para corrigir os buracos feitos pela água. “Nós colocamos um material argiloso, que gruda no chão. As condições de tráfego de veículos e até mesmo dos pedestres são outras depois que realizamos essa intervenção”, completou. Na estrada José Cardoso, Mineiro aponta que a admi-

Por Lailson Nascimento De Salesópolis

O Bar R&S está localizado no número 258 da rua Antônio de Camargo Primo, no centro de Salesópolis. O telefone para contato é o (11) 4696-3201 ou o 975148433. De segunda a sextafeira, o horário de funcionamento é das 7h30 às 22h. Aos sábados, domingos e feriados, o local fica aberto das 8h às 16h.

Já Bicudo destaca que o local também está preparado para receber turistas. “Quem nos visitar será bem recebido. Entendemos que o Turismo

também depende de nós e, nesse sentido, procuramos fazer o melhor pelo cliente local e para quem vem de fora”, complementou.


ESPECIAL - ANIVERSÁRIO ITAQUÁ

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

IVS

ARTIGO

Município tem o maior risco social da Grande São Paulo, aponta estudo Números tristes: segundo o IVS, Itaquá possui o maior risco social da Região Metropolitana RENAN XAVIER

Por Renan Xavier Da Redação

z

D

ados divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revelam que Itaquaquecetuba é a cidade com maior índice de vulnerabilidade social (IVS) do Alto Tietê. O município, que completou 455 anos no último dia 8 de setembro, apresenta também o pior índice dentre todos da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Um presente amargo revelado por um levantamento usa parâmetros como saneamento básico, mobilidade urbana, saúde, educação, renda e trabalho e expressa a exclusão e vulnerabilidade social. O ano de referência da pesquisa é de 2010. Itaquaquecetuba se ergue às margens do poluído Tietê como um bolsão de pobreza, vizinho das ricas São Paulo e Guarulhos. Segundo o levantamento, a cidade tem um índice de 0,372, numa escala que vai de 0 a 0,500. Itaquá foi enquadrado como um município de média vulnerabilidade, mas amarga o pior resultado dentre todos os 39 municípios que integram a RMSP. Os dados, que se baseiam no Senso de 2010, revelam

Parte da população sobrevive às margens do poluído rio Tietê, comprometendo a saúde

ainda uma dura realidade: um em cada três munícipes vive na linha da pobreza, sobrevivendo com um rendimento mensal inferior a R$ 250 por mês. Outro parâmetro que contribuiu negativamente para o resultado foi a educação. Em Itaquá, estudar é um privilégio. Os dados revelam que até 60% das crianças com idade de até cinco anos estão fora da escola. A Secretaria da Educação do

município, no entanto, defende que este número é de 50%. Os números foram coletados durante o Censo Demográfico, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e tem como referência o ano e 2010. Outros municípios Os municípios com melhores resultados no IVS foram Guararema e Biritiba-Mirim,

com 0,257 e 0,278, respectivamente. Mogi das Cruzes foi a quarta melhor colocada no ranking, com 0,295, logo atrás de Santa Isabel, com 0,285. Todas essas médias são consideradas de baixa vulnerabilidade. Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Salesópolis e Suzano apresentaram melhoras com relação ao IVS de 2000, mas permanecem com uma vulnerabilidade média.

7

Luciano Dávila

Qual a Itaquaquecetuba que queremos? Itaquaquecetuba ontem e hoje. Itaquaquecetuba hoje e amanhã. Itaquaquecetuba, sempre! Nossa amada cidade completa 455 anos. Anos de vitórias e conquistas celebrada sempre em 8 de setembro. Neste ano, no entanto, chegamos a mais uma data comemorativa com poucas melhorias para se comemorar. No âmbito econômico, a crise financeira que vem assolando o País tem deixado os comerciantes apreensivos. Com menos arrecadação e queda nas vendas, o reflexo é mais desemprego, menos consumo e a consequente desaceleração da economia. A crise hídrica é outro ponto de preocupação. A falta de investimentos dos governos Estadual e Federal nas últimas décadas, em todo o Estado de São Paulo, levou os reservatórios de água à beira do colapso. A chamada “máquina financeira” pode parar em caso de falta de água e o reflexo para o País, como um todo, será catastrófico. Em nossa cidade não tem sido diferente! A administração municipal tem feito um governo modesto diante das necessidades da população itaquaquecetubense. Muitas promessas e pouca execução. O “Canteiro de Obras” prometido não passou de falácias até o momento. Com o cenário político se desenhando, o momento de trabalhar efetivamente para a cidade se faz mais que necessário. É preciso também que a população esteja mais atenta e cobre o que foi prometido. Chega da velha política. Inserida entre as duas principais capitais do País (São Paulo e Rio de Janeiro), Itaquaquecetuba precisa levantar seu papel de liderança e buscar o desenvolvimento pleno, com melhores condições de vida à sua população. Melhorar o transporte público, o acesso a hospitais, mais segurança, áreas de lazer, educação. Cobrar investimentos de empresas inseridas no município para que promova algum benefício em prol da população. O orgulho itaquaquecetubense corre em minhas veias. Amo esta cidade e quero o melhor para ela. Sei que assim como outras cidades da região, nossa população merece uma melhor qualidade de vida. Além disso, como presidente da Associação Comercial e Industrial de Itaquaquecetuba (Acidi) venho reforçar a posição da entidade no auxílio aos comerciantes e empresários locais para a realização de ações que visem o fortalecimento das vendas e a melhora no giro da economia local. É sabido que, com um centro comercial que é referência em todo Alto Tietê, temos a certeza que seguiremos fortalecidos e unidos em busca de superar esta crise e voltar à rota do crescimento. Obrigado a todos e parabéns Itaquaquecetuba pelos seus 455 anos! Luciano Dávila é presidente da Acidi


8

ESPECIAL - ANIVERSÁRIO ITAQUÁ

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

ECONOMIA

Edição 2015 da Expo Itaquá supera as expectativas dos organizadores Exposição que prestigia toda a capacidade industrial, comercial e de serviços da cidade recebeu cerca de 2,5 mil visitantes neste ano também foi realizado em comemoração ao aniversário da cidade, que neste ano completou 455 anos de fundação e 62 de emancipação política-administrativa. De acordo com os organizadores, o objetivo foi apresentar ao grande público os produtos fabricados na cidade e região, assim como, os diversos serviços oferecidos ao setor industrial, com o objetivo de avaliar o progresso tecnológico e o aprimoramento dos serviços oferecidos atualmente na cidade. Este ano, a “Feira” recebeu cerca de 2.500 visitantes e, à exemplo das edições anteriores, durante os três dias de even-

OSVALDO BIRKE/DIVULGAÇÃO

z

N

a última semana, ocorreu em Itaquaquecetuba a “Expo Indústria Itaquá – 2015”.  O evento aconteceu nas dependências do Ginásio Municipal de Esportes Sumiyoshi Nakaharada, no bairro da Vila Japão e foi fruto de uma bem-sucedida parceria entre a Frente Empresarial Pró-Itaquaquecetuba (Fempi), o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), o Centro Paula Souza e o Serviço Brasileiro de apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), entre outros; com o apoio da secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico. Vale lembrar que o referido evento

Cerca de 60 empresários e profissionais liberais do município participaram da ‘Feira’

to (02, 03 e 04 de setembro), a cidade se tornou o centro das atenções para realização de grandes negócios. Ao todo foram cerca de 60

expositores, representantes dos mais diversos setores produtivos, reunidos para apresentar toda a capacidade do parque industrial e de serviços

de Itaquaquecetuba. O evento também contou com palestras direcionadas ao segmento empresarial, oferecidas gratuitamente aos visitantes.

“Muitas vezes, por uma questão de desconhecimento, somos obrigados a buscar produtos e/ou contratar serviços em locais distantes, favorecendo mercados externos quando um possível fornecedor se encontra à poucos metros de distância de nosso negócio. Creio que a possibilidade de conhecer o potencial produtivo de nossa cidade, assim como, a possibilidade de estreitar relacionamentos empresariais em prol do desenvolvimento econômico do município sejam as maiores virtudes oriundas deste evento”, afirmou o presidente da Fempi e empresário do ramo plástico, Eugênio Rego, em nome dos industriais da cidade.


ESPECIAL - ANIVERSÁRIO ITAQUÁ

9

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

AVALIAÇÃO

z

FOTOS DIVULGAÇÃO

Pavimentação de 11 ruas no Jardim Josely está entre os destaques das conquistas recentes do bairro; evolução também foi sentida pelos moradores na saúde, no trânsito e demais setores

Josely e adjacências se destacam pelo crescimento dos últimos anos No entendimento dos moradores, o vereador Carlinhos da Minercal foi fundamental para a conquista das melhorias implantadas na comunidade

o aniversário de 455 anos de Itaquaquecetuba, os moradores do Jardim Josely são, na visão deles próprios, os cidadãos que mais têm o que comemorar na cidade. Localizado na divisa do município com Arujá e Mogi das Cruzes, o bairro conseguiu eleger, em 2012, o vereador Roberto

Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal. Também morador do local, o parlamentar foi fundamental para conquistar investimentos nunca antes aplicados na comunidade. Dentre os benefícios, um dos mais celebrados pela população local é a pavimentação asfáltica de 11 ruas. Por meio de uma verba do Governo do Estado, no valor de R$ 826 mil, a Prefeitura de Itaquaquecetuba pavimentou as ruas Floresta; Jaboti; Candido de Abreu; Boa Esperança;

ESPORTE

APOIO

Por Lailson Nascimento De Itaquá

N

O

aposentado Antônio Guilherme do Nascimento, de 78 anos, escolheu o Jardim Josely como moradia quando decidiu deixar a capital paulista. Há 33 anos, ele chegou ao bairro, momento em que a comunidade ainda não contava com qualquer tipo de serviço público, como redes de água, esgoto ou energia elétrica. Por conta do tempo que mora no bairro, Nascimento acompanhou toda a trajetória de desenvolvimento do Josely. “Quando cheguei aqui no bairro, o Josely não tinha nada. Mesmo assim, eu comprei um terreno e construí

o intermédio de Minercal foi fundamental para que o serviço ocorresse. Isto porque o parlamentar trabalhou para reunir os prefeitos de Itaquá, Mamoru Nakashima (PSDB), e de Arujá, Abel Larini (PR), objetivando a solução do problema do transbordamento do rio que causava inúmeros transtornos aos moradores do local. O encontro dos prefeitos ocorreu em março deste ano, na sede do Executivo arujaense, onde o vereador apresentou a situação e conseguiu firmar a

parceria entre as administrações municipais. Outros bairros Mas não é só no Josely que o vereador deixou sua marca. Embora não tenha o poder de executar obras, Carlinhos da Minercal também foi responsável pela conquista de melhorias para os bairros Jardim Pinheirinho, Vila São Paulo, Jardim Lucinda, Parque São Pedro, Jardim Nicea, Louzada, Parque Nossa Senhora das Graças, Marengo, entre outros.

ADJACÊNCIAS

ANTÔNIO GUILHERME: “Por ser morador do Josely, o Carlinhos entende as nossas necessidades e, quando precisamos de algo, ele está à disposição” minha casa devagarzinho. Mas logo percebi que seria difícil a nossa população re-

ceber qualquer tipo de benfeitoria, porque se passaram vários governos, mas os ser-

viços públicos sempre foram mínimos para a gente”, recorda o aposentado. Para ele, a melhoria na qualidade de vida da população do Josely só foi possível graças ao vereador Roberto Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal. “Ele foi de vital importância para todos nós. Por ser morador do Josely, o Carlinhos entende as nossas necessidades e, sempre que precisamos de algo, ele está à pronta disposição. Posso dizer que, antigamente, o nosso bairro era abandonado e, agora, não precisamos nos preocupar mais”, resumiu Nascimento. (L.N.)

POLÍTICA

Vereador reafirma compromisso com a população RENAN XAVIER

z

O

pintura de guias e sarjetas; implantação de pontos de ônibus nas linhas municipais e intermunicipais; reforma do posto de saúde local; mudança dos postos da rede elétrica da estrada São Bento, já com luminárias novas; além da substituição da tubulação por aduelas na passagem do Rio Parateí, sob a rua Boa Esperança, que interliga os municípios de Itaquaquecetuba e Arujá. Em relação às obras sob o Rio Parateí, mais uma vez,

Morador faz elogios ao mandato do vereador Carlinhos da Minercal

Bairro poderá ganhar Academia Ao Ar Livre próximo objetivo do vereador Roberto Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal, é conquistar uma Academia ao Ar Livre para o Jardim Josely. O primeiro passo para a conquista já foi dado, no último dia 4, quando o secretário-adjunto de Esportes do município, Wanderson Chavante, esteve no bairro para conhecer uma área em que é possível implantar a academia. No entendimento de Carlinhos da Minercal, o Josely ainda é carente de áreas de lazer e esporte. “Fiz a reivindicação ao prefeito Mamoru Nakashima (PSDB) uma vez que sabemos da importância de praticar esportes e os benefícios que essa prática promove na saúde. Vale ressaltar que o bairro não conta com espaços propícios para isso”, explicou. A área que o vereador apresentou ao secretário-adjunto está situada na esquina da Rua Floresta com a Candido Abreu, ao lado do posto de saúde e, segundo o vereador, o espaço pode receber uma academia ao ar livre e um playground. “O local comporta os equipamentos da academia e os brinquedos para as crianças, já que o Josely também não conta com espaços infantis”, destacou. De acordo com Wanderson, a Secretaria de Esportes irá preparar um projeto para a área indicada pelo vereador. “O espaço é muito bom e sabemos dessa carência que o bairro tem, o Carlinhos e a população podem ter certeza de que iremos nos empenhar para implantar a academia ao ar livre aqui”, afirmou. (L.N.)

Guaporema; Florai; Flórida; Jataizinho; Japira; Japura e Ipiranga. As obras, que já foram concluídas, também incluíram a rede coletora de águas pluviais, guias e sarjetas. A intervenção só foi possível graças ao trabalho de Carlinhos de Minercal, que consegui recuperar o recurso que havia sido perdido pelo governo do ex-prefeito Armando Tavares Filho (PR), o Armando da Farmácia. Ainda no bairro, foram executados os serviços de

Minercal faz questão de estar em contato com o povo

D

evido ao apoio que recebe da população, o vereador Roberto Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal, foi procurado pela equipe de reportagem do Gazeta Regional para falar sobre o seu mandato. De maneira objetiva, ele explicou que tem procurado conquistar melhorias para toda a cidade, por entender que um vereador não deve se limitar a fiscalizar o Executivo. “A população de Itaquaquecetuba deposita nos vereadores a confiança de que estes intercedam para buscar melhorias. Por conta disso,

tenho dedicado o meu mandato às reivindicações que a população faz a mim. Acredito que, por isso, consegui conquistar obras de expressão para o Josely e para diversos bairros”, disse Carlinhos da Minercal. Não se esquecendo de agradecer o apoio do prefeito Mamoru Nakashima (PSDB), o vereador garantiu empenho até o fim do mandato. “Ainda tenho sonhos para Itaquaquecetuba. Tenho consciência do meu papel como vereador e, na medida do possível, vou trabalhar para atender nossa população da melhor maneira possível”, concluiu o vereador. (L.N.)

nossa senhora das graças irá receber asfalto

O

vereador Roberto Carlos do Nascimento Tito (PT), o Carlinhos da Minercal, aproveitou a edição especial para divulgar a conquista de verba de R$ 800 mil para a pavimentação de ruas do bairro Parque Nossa Senhora das Graças. Por conta do seu bom relacionamento com a ex-deputada Janete Pietá (PT), a verba foi liberada por ela enquanto parlamentar. Segundo Carlinhos da Minercal, a licitação para a contratação da empresa deverá ocorrer em breve. “Tenho a informação de que este processo está para ocorrer muito em breve. Mas o importante é que a verba vai garantir mais qualidade de vida para a população”, disse o vereador. A verba deverá ser utilizada para a pavimentação de pelo menos cinco ruas, que serão definidas durante o processo licitatório. “Posso adiantar que as principais ruas da localidade serão atendidas”, completou Minercal. Ainda de acordo com ele, o foco de seu mandato tem sido em todos os bairros adjacentes ao Jardim Josely, entre outros. “Tenho sido cobrado pelos moradores, que dizem que priorizo o Josely. Mas não é isso o que ocorre. Na medida do possível, temos atendido todos os bairros em que a população faz algum tipo de solicitação. Esta obra no Parque Nossa Senhora das Graças, por exemplo, é uma prova de que não priorizo ninguém, porque se fosse assim, eu solicitaria o serviço para o Josely”, concluiu. (L.N.)


10

ESPECIAL - ANIVERSÁRIO ITAQUÁ

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

PROJETO 2050

PROJETO

Pré-candidatura de Rolgaciano integra Pacheco é confirmada lista de pré-candidatos Empresário viabiliza projeto político para Itaquaquecetuba com a parceria de outras lideranças conhecidas pela população LAILSON NASCIMENTO

Por Lailson Nascimento De Itaquá

O empresário itaquaquecetubense Lairson Pacheco (sem partido) é pré-candidato a prefeito do município, sendo um dos representantes de um grupo político que está focado em um projeto de longo prazo para a cidade – mais precisamente, com propostas para até 2050. Morador de Itaquaquecetuba há 36 anos, Pacheco demonstrou, em entrevista, que possui conhecimento suficiente para concorrer com qualquer outro candidato em 2016. Entretanto, não é este, segundo ele próprio, o foco do grupo. “Estamos desprovidos de vaidade, para que a cidade seja a protagonista de todo o projeto”, definiu. Deixando claro que sua entrevista é baseada no entendimento que o grupo chegou até o presente momento, Pacheco disse que “o que importa são os compromissos e a lealdade a curto, médio e longo prazo. O projeto não é para o Pacheco ou outro candidato. Nós precisamos de gente competente e, dentro do grupo, há gente conhecedora das demandas municipais, o que nos leva a crer que temos condições de alcançar os objetivos”. Para ele, é necessário que a população não tenha medo de

PACHECO: “Nós precisamos de gente competente e, dentro do grupo, há gente conhecedora das demandas municipais” acertar na escolha do próximo prefeito, para que haja uma administração mais eficiente, que entenda as demandas do povo e garanta a boa aplicação dos recursos públicos. “Temos que contar com gente competente em cada área, que faça com que o recurso público retorne aos nossos cidadãos”. Segundo o empresário, Itaquaquecetuba foi lesada até aqui

por ter escolhido mal os seus administradores. “A cidade tem um patrimônio fantástico, que são os 220 mil eleitores. Mas, mesmo assim, nós não temos deputados estaduais ou federais. Isto é inconcebível”. Questionado sobre as bandeiras defendidas pelo grupo, ele disse que “é preciso deixar de pensar em uma administração corretiva. Precisamos da administração preventiva. E a educação é a administração preventiva mais correta”. GRUPO O grupo ao qual Pacheco faz parte conta, ainda, com nomes como o do empresário Luiz Gonzaga, o Luiz Cromatec, o delegado Eduardo Boigues, o empresário Augusto Cesar dos Santos, o líder comunitário Noel de Jesus, entre outros.

Ao Gazeta Regional, o parlamentar falou sobre as propostas que pretende defender para se eleger prefeito de Itaquá O presidente do PTN em Itaquaquecetuba, vereador Rolgaciano Fernandes Almeida, também é pré-candidato a prefeito no município. Em entrevista ao Gazeta Regional, o parlamentar afirmou que o seu objetivo é contribuir, de maneira mais efetiva, com o desenvolvimento da cidade. Para tanto, Rolgaciano pretende utilizar a experiência que adquiriu ao longo de dois mandatos no Legislativo para implantar um novo modelo de gestão à frente da administração municipal. “O papel de um vereador é muito limitado. Por isso decidi, já no segundo mandato de vereador, abrir mão de um terceiro mandato para poder dar uma contribuição maior para com o nosso município. Acredito que, com um grupo bom, de pessoas comprometidas, dá para oferecer melhores condições de vida para os munícipes”, resumiu. Citando os resultados alcançados por Itaquaquecetuba no Índice de Vulnerabilidade Social (IVS), divulgados recentemente pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Rolgaciano analisa que a cidade precisa de um modelo de administração que desenvolva um trabalho praticamente

RENAN XAVIER

ROLGACIANO: “Quero pedir para que o nosso povo não desanime. Itaquaquecetuba tem potencial para se desenvolver“ do zero e que seja capaz de melhorar os indicadores (leia mais na página 7). “Falta ao Executivo aproveitar melhor o orçamento municipal, investindo de maneira mais justa. Precisamos de uma gestão mais competente, com planejamento. Nos últimos anos, tivemos gestões em que um tapa-buraco vira notícia. Itaquá precisa de mui-

to mais”, provocou. O pré-candidato a prefeito também falou sobre a Reforma Política, que retira o direito à reeleição. “Em quatro anos, não dá para fazer muita coisa. Portanto, desde o primeiro dia de mandato de um prefeito, tem que se trabalhar fortemente para conseguir avançar. Precisamos, também, de deputados estaduais e federais. Somente com os recursos do município, é impossível se fazer tudo aquilo que precisamos fazer”. Por fim, Rolgaciano deixou uma mensagem ao cidadão itaquaquecetubense. “Quero pedir para que o nosso povo não desanime. Itaquaquecetuba tem potencial para se desenvolver e nós chegaremos lá”, concluiu. (L.N.)

Venda e instalação de Alarme e Luz de Emergência, Mangueiras, Extintores, Hidrantes, Assessoria para Vistoria e Projetos de AVCB, Brigada de Incêndio, Manutenção em Geral de Equipamentos contra Incêndio

PARABÉNS ITAQUÁ PELOS SEUS 455 ANOS!

PROMOÇÃO PARA O MÊS DE SETEMBRO, ANIVERSÁRIO DE 9 ANOS DA MAX-FIRE EXTINTORES AUTOMOTIVOS ABC DE 5 ANOS

R$ 76,00

EXTINTORES DE CAMINHÃO DE 2 KILOS ABC DE 5 ANOS

R$ 115,00

APROVEITEM PARA COMPRAR O EXTINTOR DE CARRO, O PRAZO PARA REGULARIZAÇÃO ESTÁ SE ESGOTANDO www.maxfire.plisweb.com | maxleite28@yahoo.com.br

Av. Coronel Bertoldo, 529 – Centro – Santa Isabel

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO DAS 8H ÀS 17H Fones: (11) 4656 – 3530 / 99757 – 5714 | Nextel: 7758 – 3705 / ID: 13*13756


MOGI

GAZETA REGIONAL 10 a 19 de setembro de 2015

11

PROPOSTA

Projeto prevê presença de brigada contra incêndio em estabelecimentos Em fase de elaboração, se aprovada, lei obrigaria estabelecimentos comerciais de grande porte, em Mogi, a contratar bombeiros civis

Um projeto de lei municipal que prevê a obrigatoriedade de bombeiros civis em estabelecimentos comerciais pode ser votado na Câmara de Mogi das Cruzes. Em fase de elaboração, o texto será apresentado em assembleia da categoria e, uma vez aprovado, seguirá para a mesa do vereador Iduigues Martins (PT), que a apresentará aos demais vereadores. Na prática, a lei obrigaria todas as empresas e estabelecimentos públicos e privados de grande porte, como shoppings centers, hipermercados, casas de shows, campi universitários, entre outros, a manter brigadas contra incêndio. O idealizador do projeto é o presidente da Associação Profissional dos Bombeiros Civis (APDC), Nelson Pedro Miguel, o Miguel Bombeiro. Em entrevista ao Gazeta Regional, Miguel Bombeiro declarou que sua intenção com o projeto de lei é viabilizar a contratação de até 500 bombeiros civis do município, atendendo

a uma demanda da categoria, e ainda contribuir para a prevenção de acidentes semelhantes ao ocorrido na boate Kiss, no município gaúcho de Santa Maria, que matou 242 pessoas. “Não é correto esperar que algo de ruim aconteça para só então se tomar uma atitude; é preciso que o município assuma a responsabilidade pela prevenção de tragédias. A instalação de uma brigada de incêndio é a melhor forma de salvar vidas e garantir a segurança da população mogiana”, declarou Miguel. REFERÊNCIA A lei municipal de número 10.389, aprovada em 2012,

em Belo Horizonte, é a principal referência e inspiração para o futuro projeto de lei mogiano. A capital mineira adotou a medida em meio a protestos de empresários, contrariados pelos custos decorrentes das novas exigências. Ainda assim, a lei vigora até hoje e prevê a manutenção de uma brigada de até cinco bombeiros civis por turno de trabalho, atuando na prevenção de incêndios e primeiros socorros. Na lei mineira, especificamente, a obrigatoriedade é para estabelecimentos que receba uma concentração de pessoas em número superior a três mil.

DIVULGAÇÃO

z

Por Renan Xavier De Mogi

Miguel Bombeiro (de camisa lilás) articulou reunião com o vereador Iduigues Martins (PT)

MERCADO DE TRABALHO

Emprega Mogi oferece 121 oportunidades de trabalho O Emprega Mogi, programa da Prefeitura de Mogi das Cruzes, está selecionando 121 profissionais para diferentes funções. Há oportunidades para costureira, cozinheiro, operador de telemarketing, entre outros. Os interessados podem procurar

uma das três unidades do programa, localizadas nos terminais Central e Estudantes e no CIC em Jundiapeba. É preciso apresentar os documentos pessoais e currículo atualizado. Estão disponíveis ainda vagas para auxiliar de limpeza, empre-

gada doméstica e motorista de ônibus urbano (com curso de transporte coletivo), porteiro e vendedor. As informações sobre vagas são dadas diretamente nas unidades. O Emprega Mogi faz um trabalho de mão dupla, tanto na captação de vagas como na

seleção de profissionais de acordo com os perfis solicitados pelas empresas. A equipe do programa analisa o perfil dos interessados e faz o encaminhamento daqueles que preenchem os pré-requisitos solicitados pelos em-

pregadores. O Emprega Mogi também presta serviços como a emissão de carteiras profissionais e seguro desemprego. SERVIÇO Para mais informações, o telefone é (11) 4699-1900.


12

BIRITIBA

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

SAÚDE

Alimentos com gordura trans serão proibidos na merenda de estudantes Marcelo da Imobiliária, que propôs a lei, se inspirou em sua experiência pessoal; o vereador perdeu 14 quilos após reeducação alimentar Por Renan Xavier De Biritiba

No final de agosto, a Câmara Municipal de Biritiba Mirim decretou uma lei que proíbe as escolas das redes estadual e municipal de servir aos estudantes alimentos com gordura trans em sua composição. Autor da proposta de lei, o vereador Marcelo de Miranda Melo (PR), o Marcelo da Imobiliária, foi incisivo na necessidade de regulamentação da qualidade nutricional das merendas escolares. Isso porque ele passou por uma reeducação alimentar recentemente. Após consultas com especialistas da região, Marcelo da Imobiliária teve uma drástica

redução de medidas, perdendo 14 quilos em dois meses. O vereador atribui o emagrecimento a uma dieta balanceada e saudável. Após a experiência, diz ter se sentido motivado a recomendar a mudança na alimentação escolar do município. “Houve boatos de que eu estaria doente, mas nunca estive tão saudável. O que comemos e quanto comemos também faz parte da educação. Quero isso para que as crianças e jovens do município também previnam problemas como a obesidade, por meio de uma alimentação mais rica”, justificou Marcelo da Imobiliária. “Biritiba é um grande produtor de hortaliças. Fazemos parte do cinturão verde do Estado de São Paulo. Devemos servir de exemplo para

LAILSON NASCIMENTO

as outras cidades da região e reverter nossos péssimos hábitos alimentares, com alto consumo de produtos industrializados”, declara. A lei entra em vigor a partir do próximo ano letivo e todas as refeições seriam elaboradas por nutricionistas, trocando também o açúcar por açúcar orgânico e os sais refinados por sal rosa do Himalaia, ou similares. Ainda segundo o vereador, a medida trará inúmeros benefícios, especialmente para os estudantes, uma vez que conterá o consumo de produtos da indústria alimentar que, na visão do parlamentar, são como “venenos saborosos em forma de alimento. Isso também irá na contramão da indústria farmacêutica, interessada em con-

MARCELO DA IMOBILIÁRIA: “O projeto serve para que as crianças também previnam problemas como a obesidade, com uma alimentação mais rica” tinuar lucrando com a venda medicamentos que não curam, apenas tratam os problemas gerados em decorrência da má alimentação”.

PROJETO

z

EDEZIO MORAES/DIVULGAÇÃO

Representantes da ‘Fábrica de Cultura’ se reuniram com autoridades de Biritiba na Câmara

‘Fábrica de Cultura’ irá trazer o ‘Cinema Itinerante’ para Biritiba Mirim em outubro No último dia 28, autoridades políticas de Biritiba Mirim fizeram nova reunião com os coordenadores do projeto ‘Fábrica de Cultura’, do Instituto Paulista de Apoio às Cidades (IPAC). Durante o evento oficial, foi confirmada a exibição do ‘Cinema Itinerante’ na cidade. Como o Gazeta Regional publicou em sua edição de número 132, o secretário de Turismo e Cultura, Osório Filho, além do presidente da Câma-

ra Municipal, vereador Fábio Faquim (PP), têm trabalhado para oferecer os projetos da ‘Fábrica’ para as crianças e jovens da cidade. O programa é uma oportunidade dos jovens vivenciaram a cultura. O projeto tem o objetivo de ampliar o conhecimento cultural do jovem, por meio da interação com a sua própria comunidade e da participação em oficinas e atividades artísticas diversificadas. No entendimento de Faquim, a cultura é fundamental

para a formação cidadã dos biritibanos. “Como professor de História tenho trabalhado muito para inserir e desenvolver projetos culturais em nossa cidade e os resultados vão chegando através de parcerias. No mês de outubro já iniciaremos com o ‘Cinema Itinerante’”, garantiu o progressista. Deverão ser oferecidos na cidade ateliês de formação cultural de dança, teatro, circo, música, multimeios, escrita criativa e capoeira, entre outros.

TRÂNSITO

Fábio Faquim pede a instalação do primeiro semáforo da cidade LAILSON NASCIMENTO

dentes. “É uma responsabilidade do município prevenir possíveis acidentes. E este ponto, de frente ao Shibata, apresenta um grande fluxo e movimentação de veículos. Isso porque ela permite a ligação sem parar no cruzamento entre as ruas João José Guimarães, a rua da Câmara, Joaquim Arias, onde fica a entrada e saída do estacionamento do Shibata e Sebastião Almeida, descida e subida da domingueira”, explicou o vereador republicano. z

O presidente da Câmara Municipal de Biritiba Mirim, vereador Fábio Faquim (PP), entrou com uma indicação junto à prefeitura para a instalação de um semáforo na avenida Fernandino Jungers, no cruzamento do Supermercado Shibata, região central da cidade. Segundo o vereador, considerando o fluxo de pedestres e veículos no local, em especial aos finais de semana, é necessária a adoção das devidas providências de sinalização de saídas e entradas, além da instalação do que será o primeiro semáforo da cidade. O projeto de implantação já está sendo planejado pelo Departamento de Trânsito do município. Como justificativa para a reforma, Faquim enfatizou a necessidade de prevenir aci-

Edital de Convocação O presidente da Associação Espaço Criança e Adolescente, no uso de suas atribuições legais convoca os Associados em pleno gozo de seus direitos, para a Assembléia Geral Ordinária, a realizar-se no dia 14 de Outubro de 2015 as 18h00min na sede da Instituição, Rua Carneiro Leão nº337 – Parque Residencial Marengo, para a deliberação da seguinte ordem do dia. 1º) Alteração do Estatuto Social 2 º) Eleição e Posse da Diretoria Itaquaquecetuba, 11 de Setembro de 2015. Maria de Lourdes Bortotti de Souza Presidente

No entendimento do presidente da Câmara, vereador Fábio Faquim (PP), município precisa investir em ‘Educação no Trânsito’

A aposentada Laurinda dos Santos concordou com a importância da medida. “Nunca vi nenhum acidente nessa região, mas ali de frente para o Shibata é perigoso mesmo, então vai ser interessante, porque já previne”, declarou. FUNDO DO TRÂNSITO Faquim solicitou, ainda, que o Fundo Municipal do Trânsito, formado por recursos arrecadados no pagamento de multas, seja revertido para melhorias na sinalização e medidas de educação de trânsito. “É preciso se investir na educação das ruas, como forma de fortalecer a cidadania e transformar as relações entre todas as partes que compõem o trânsito mais respeitosas”, justificou o presidente da Câmara. (R.X.)


BIRITIBA

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

13

SOLIDARIEDADE

Fundo Social arrecada 32 mil peças na ‘Campanha do Agasalho’ de 2015 Presidido pela primeira-dama de Biritiba, Roberta Taino, o Fundo Social promoveu evento em comemoração à campanha de 2015 no último dia 4 do concurso cultural. Foram entregues kits e medalhas a todos os participantes e para as redações e desenhos selecionados pela Secretaria Municipal de Educação. A premiação incluiu um tablet ou jogo eletrônico, de acordo com a idade. As escolas também foram premiadas nas categorias maior número de peças e maior organização das doações. O empresário Carlos Pimenta doou um day-use para cada sala vencedora nas instalações do Vale Encantado. z

32 mil peças de roupas: esta é a quantidade de peças arrecadadas e doadas pelo Fundo Social de Solidariedade de Biritiba Mirim nesta edição da ‘Campanha do Agasalho’. Para coroar o trabalho, que é dirigido pela primeira-dama Roberta Taino, o Fundo Social promoveu, no último dia 4, o encerramento da campanha. Realizado nas instalações do Centro Pastoral, o evento ficou marcado pela premiação dos estudantes das redes pública estadual, municipal e particular do município. A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Roberta Taino, recebeu pais, estudantes, professores e autoridades municipais para a premiação

A presidente do Fundo Social, Roberta Taino, recebeu pais, estudantes, professores e autoridades para o evento de premiação

FOTOS DANIEL SANTOS


14

REGIÃO

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

INFORME PUBLICITÁRIO

Auto Center Pirâmide: a garantia da qualidade e segurança ao seu carro FOTOS DIVULGAÇÃO

estão funcionando perfeitamente. Além disso, deve-se respeitar também a quilometragem recomendada pelo fabricante para inspeção ou substituição de peças. “Tenho 20 anos de experiência no ramo e garanto o meu trabalho. Meu estabelecimento está no mesmo local há 12 anos, porque confio no comércio de Salesópolis, tenho uma boa clientela e posso afirmar que o nosso diferencial é a qualidade”, diz Cunha.

SERVIÇO

Pesquisas comprovam que a frota atual de veículos tem em média 9 anos de fabricação. Entretanto, apenas 40% dos motoristas levam seus veículos para fazer as revisões. Por conta disso, os gastos com a manutenção quando o carro quebra acabam sendo maiores. Diante desse cenário, o recomendado é que você faça a manutenção preventiva do seu veículo, sempre em oficinas que garantam qualidade, como é o caso do Auto Center Pirâmide, de Salesópolis. Há 12 instalado no bairro do Fartura, o Auto Center oferece o que há de melhor em termos de reparos automotivos. Especializado em módulos de injeção eletrônica, o estabelecimento conta com scanner de última geração, além de realizar limpezas de bico. Na oficina, também é possível comprar pneus novos e remolds, além dos serviços de alinhamento, balanceamento e cambagem. De acordo com o proprietário da oficina, Antônio Cunha, a cada 10 mil km ou 12 meses é necessário levar seu carro a uma oficina de confiança para realizar uma revisão preventiva. Nela serão conferidos se todos os componentes do veículo

O Auto Center Pirâmide está localizado no número 399 da rua São Cristóvão, no Fartura, em Salesópolis. O telefone para contato é o (11) 4696-4311, além do celular 9 7234-7135.


GUARAREMA

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

15

COMEMORAÇÃO

Anunciado o calendário de eventos para o 116º aniversário do município Atividades em comemoração ao 116º aniversário foram iniciadas no último dia 5, com a reabertura da pista de skate, e vão até outubro CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DE ANIVERSÁRIO PARA OS PRÓXIMOS DIAS Dia 13 Domingo

Hora 8h às 13h

17 Quinta

19h

19 Sábado

13h30

19 e 20 Sáb. e Dom. 20 Domingo 20 Domingo

19h às 23h30 9h 9h às 17h

Evento 2º passeio no Rio Paraíba do Sul de caiaque Sessão solene em comemoração ao aniversário Sub 17: Guararema X Salesópolis

Apesar da história de 116 anos, cidade guarda uma rica história, como é o caso da igreja Matriz,

Local Recanto do Américo

Festa do Capitão Luana José dos Desfile cívico

Sala Hibisco do Guararema Parque Hotel Estádio Municipal “José Luis Gonçalves da Silva- Ipiranga Área de Lazer “Profª Santos – Nogueira Rua Dona Laurinda

Encontro de carros tunados

Centro de Eventos “Jean Carlos Oliveira – Parateí

Fonte: Prefeitura de Guararema

z

No mês de aniversário de Guararema, que completará 116 anos no próximo dia 19, a prefeitura preparou uma programação que deve movimentar todos os cantos da cidade. As atividades começaram no último dia 5, com a reabertura da pista de skate ‘Alessandro de Souza’, instalada no Nogueira. No dia 12, tem mais uma edição do ‘Ciranda da Cidadania’, projeto itinerante que levará à praça do Coreto diversas atividades culturais, recreativas, ações de saúde e assistente social, assim como auxílio para retirada de documentos, cadastro de currículo, entre outros serviços. O ‘Ciranda da Cidadania’ acontece das 9 às 13 horas, na praça Cel. Brasílio Fonseca. No mesmo dia, às 16 horas, o ‘Coral Manhãs de Sol’ se apresenta em Luís Carlos. No domingo, dia 13, acontece a II Edição do Passeio de Caiaque no Rio Paraíba do Sul, com concentração no Recanto do Américo – Pau d’Alho. A sessão solene em homenagem ao aniversário da Cidade será no dia 17, às 19 horas, no Guararema Parque Hotel. No dia 19, aniversário da cidade, haverá a disputa entre Sub 17:  Guararema  x Salesópolis e Master Corinthians x Master  Guararema, no Estádio Municipal ‘Jose Luís Gonçalves da Silva’, no Ipiranga, a partir das 13h30. A tradicional ‘Festa do Capitão’ será nos dias 19 e 20, das 19h às 23h30. No domingo, acontece o Desfile Cívico, na rua Dona Laurinda, às 9 horas. No dia 20, o bairro do Parateí recebe o encontro de carros tunados, no Centro Municipal de Eventos ‘Jean Carlos Sanches de Oliveira’. No dia 26, está marcada a inauguração do Centro Socioeducativo (CSE- Petrobras). O evento acontecerá a partir das 9 horas e terá participação da Banda Marcial Ivan Brasil. Também neste dia, entre 19 e 23 horas, acontece o ‘Dia de Celebração a Jesus Cristo’, na área de lazer ‘Profª Luana Bernardo José dos Santos’, no Nogueira. A Festa Beneficente em Prol da Santa Casa de Misericórdia de Guararema  será nos dias 26 e 27, no Centro Municipal de Eventos ‘Jean Carlos Sanches de Oliveira’, no Parateí. No dia 27, tem ‘Guararema Classic Car 2015’, no Parque de Lazer ‘Profª Deoclésia de Almeida Mello’ (praça do Centro Artesanal), das 9 às 17h. No domingo, missa de ação de graças na Igreja Matriz ‘Nossa Sra. da Escada e São Benedito’. Em outubro, as atividades continuam com a Banda Municipal de Guararema (Bamugua), em Luís Carlos, no dia 03, às 16h30. Nos dias 3 e 4, Festa de São Benedito, na Área de Lazer ‘Profª Luana Bernardo José dos Santos’, no Nogueira. Por fim, no dia 10, tem a inauguração da Academia ao Ar Livre e jogos amistosos de futsal, no Bairro Freguesia da Escada. No mesmo dia, ‘Coral Canto por Guararema’ se apresenta em Luís Carlos. As atrações são gratuitas e voltadas para públicos de todas as idades.


16

GAZETA REGIONAL 11 a 19 de setembro de 2015

Beleza regional

SOCIAL Por Renan Xavier

Em homenagem ao aniversário de Itaquá, a coluna Beleza Regional convidou a jovem escriturária Greyce Kelly Alvim, de 17 anos, para representar a beleza da cidade. Em fotos realizadas no jardim de uma casa da Vila São Carlos, Guê, como é conhecida pelos amigos e familiares, revelou toda sua simpatia, beleza e carisma durante este ensaio. No tempo livre, a bela de Itaquá gosta de assistir séries como Arrow e The Walking Dead, além de curtir o namorado. No ano que vem, ingressará na faculdade de arquitetura e já sonha em ser bem-sucedida nessa área profissional. Greyce declara curtir quase todo tipo de música (funk nem pensar) e reserva um espaço especial para o sertanejo universitário.

Um presente para Itaquá

Profile for Jornal Gazeta Regional

Jornal Gazeta Regional - Edição 134  

Jornal Gazeta Regional - Edição 134  

Advertisement